Page 1

www.revistavitti.com.br Edição 104 - Ano 9 Agosto, 2014 Foto capa: André Guisard

Destaque

DHF Quality

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA VENDA PROIBIDA Vale do Paraíba, Litoral Norte e Sul de Minas Agosto, 2014

Capa desta edição, Disney da Silva, Rodrigo Hunnicutt e Fábio Freire falam em entrevista exclusiva sobre os 7 anos de atividades da construtora DHF revistavitti.com.br | Vitti | 1


2OANOS

2 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Ed. Camburi - Av. Walter Thaumaturgo (Avenida do Povo) -Getúlio Vargas - Centro TAUBATÉ - SP

Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 3


Índice Agosto 2014 | Edição 104 | Ano 9

Negócios

Sinais de Idade Avançada....................................................22

ECONOMIA

Investindo em ano de Eleições....................................26

GASTRONOMIA

Ecogastronomia...........................................................38

Ponto de Vista

Vamos virar o jogo?........................................................46

AMBIENTE CONSTRUÍDO monicuee alvez

Hidrelétricas, escassez de água e falta de energia......48

eNTREVISTA

DHF Quality............................................................. 12

Disney da Silva, Rodrigo Hunnicutt e Fábio Freire falam dos 7 anos de atividades da construtora DHF, inovações tecnológicas do setor e sobre a atual situação de mercado regional.

reflexão

Ajude, compreenda e console, sempre...........................54

Esporte

Papo Rápido com Maria Bernadete Eliziário...............67

PERFIL

Ditão Virgílio: um caipira contador de causos............72

Pelo Mundo

O Repouso do Herói Brasileiro no Coração da Itália...80

CINEMA

Malévola.......................................................................83

Editorial

Nosso mês de agosto

C

hegando com mais uma edição da Revista Vitti, neste agosto que ainda deixa para trás a Copa do Mundo, e abre praticamente um segundo começo de ano para todos nós. Neste número trazemos como entrevista do mês um papo à três com os sócios proprietários da construtora DHF Quality, de Taubaté. Eles fazem um balanço do mercado da construção civil na região, e também falam das inovações tecnológicas que ganham cada vez mais espaço no setor. Destaques também para nossos articulistas que trazem reportagens e artigos de altíssima qualidade, sobre diversos temas, que vão desde saúde e bem estar, passando por meio ambiente, economia, negócios, esportes, gastronomia, cultura e muito mais. Nossos colunistas sociais não deixam passar nada nos melhores e mais badalados eventos de toda a região do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Sul de Minas. Nossas lentes captaram quem foi notícia e abrilhantou os diversos encontros sociais do último mês.

4 | Vitti | revistavitti.com.br

Depois da ressaca dos 7 a 1 sofridos pelo Brasil na Copa do Mundo, deixemos o futebol de lado, e foquemos no futuro. Segue a vida, novo mês, ânimo novo. Espero que mais esta edição da Revista Vitti seja uma boa companhia. Boa leitura. Abraços.

Marcela Vitti Diretora “Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas. Em ti me alegrarei e salvarei de prazer; cantarei louvores ao teu nome, ó Altíssimo.” SALMO9:1-2

Agosto, 2014


DIReToRA: Marcela Vitti ASSISTeNTe: Isaura Silva DIAgRAMAção: Bruno Moura eDIToR De ARTe: Victor Pereira JoRNAlISTA ReSPoNSÁVel: Ronaldo Casarin - MTB 52246 ReVISão: Ronaldo Casarin FoTo DA cAPA: DHF Quality (Foto: André Guisard) RePóRTeR FoTogRÁFIco: Monicuee Alvez colUNISTAS: São José dos Campos e Jacareí: gilberto Freitas, Marilda Serrano e edu Rosa - Caçapava: Anna Dennz Taubaté: Socorro Pinto e José luiz - Pindamonhangaba: giuliana San Martin - Ubatuba: luiz Felipe e Alvinho corrêa - Lorena e Aparecida: Peter iote ligia Ballot Sul de Minas: carlos Moura. colABoRADoReS: CHRISTIAN VIEIRA, ADILSON PELOGGIA, CARLOS MARCONDES, ARCIONE VIAGI, FABIANA FERREIRA, DR. ÉRICO PAMPADO DI SANTIS, JULIANA BUENO, JULIANA PELOGGIA, RAFAEL FERRO, FELIPE GUARNIERI, MURILO BARACHO, ANTONIO BARBOSA FILHO, MARIANE BARROS, ANTONIO SILVA, JOÃO CARLOS DE FARIA, MANECO SIQUEIRA E ANDRÉ FAWKS. PUBlIcIDADe DIReToRA coMeRcIAl: Marcela Vitti (12) 98122-3000 / 7812 4527 / 90*1463 - marcela@revistavitti.com.br TAUBATé / cAçAPAVA / PINDA: Parê Guerson (12) 3624-5610 / 7812-4526 / 90*1461 / 98106-3500 - pareguerson@gmail.com São JoSé DoS cAMPoS / UBATUBA / gUARATINgUeTÁ: Marcela Vitti (12) 98122-3000 / 7812-4527 / 90*1463 - marcela@revistavitti.com.br UBATUBA: Maneco Siqueira (12) 3833-1300 / (12) 98158-4141 SUl De MINAS: Luigi Scianni (12) 9781-5623 - luigiscianni@gmail.com DISTRIBUIção: Rodrigo Melo Gratuita e dirigida às cidades de Taubaté, Quiririm, São José dos Campos, Caçapava, Pindamonhangaba, Guaratinguetá, Lorena, Campos do Jordão, Santo Antônio do Pinhal, Tremembé, Cruzeiro, Ubatuba e Sul de Minas TIRAgeM DeSTA eDIção: 12.000 exemplares Impresso no parque gráfico da Resolução Gráfica Ltda. ATeNDIMeNTo Ao clIeNTe: (12) 3632-3060 / 7812-4525 / 90*1462 - Rua dos Operários, 118 - Taubaté - SP Os artigos, matérias, opiniões e anúncios aqui publicados são de inteira responsabilidade de seus idealizadores, e não refletem necessariamente a opinião da Revista Vitti. É proibida a reprodução total ou parcial da revista sem autorização da Revista Vitti.

cartas “Parabéns à colunista Fabiana Ferreira pela matéria sobre crianças que são apresentadas ao esporte pelos pais. você é um exemplo para essas crianças. Te admiro muito pela raça no esporte.” Carlos Roberto da Costa, via Facebook “adorei a entrevista com o professor antonio marmo publicada pela vitti em sua última edição. ele merece, pois é um dos homens mais respeitados e produtivos da matemática do Brasil.” Ary Nascimento, por email

“moro no vale do Paraíba há menos de um ano e só recentemente conheci a Revista vitti, depois de ler num consultório médico. adorei a revista, leitura fácil, informativa e fotos lindas. Parabéns a todos que fazem essa publicação, é bom saber que Taubaté e a região podem contar com um veículo de tanta qualidade. abraços.” Julia Saraiva, por email

cAPA

Julho 2014

“Brisa albuquerque na capa! linda!” Janaina Guerra, via Facebook

coRReIo VITTI

Fale conosco: opine, critique e dê sugestões. Escreva para: redacao@revistavitti.com.br Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 5


nossa equipe PARê gUeRSoN

ISAURA SIlVA

VENDAS

ASSIStENtE

MANeco SIQUeIRA

RoNAlDo cASARIN

VENDAS

EDItoR

BRUNo MoURA

VIcToR PeReIRA

DIAGRAMADoR

EDItoR DE ARtE

MoNIcUee AlVeZ

RoDRIgo Melo

FotÓGRAFA

DIStRIBUIDoR

eDUARDo RoSA

MARIlDA SeRRANo

CoLUNIStA JACAREÍ

CoLUNIStA SÃo JoSé DoS CAMPoS

gIlBeRTo FReITAS

ANNA DeNNZ

CoLUNIStA SÃo JoSé DoS CAMPoS

CoLUNIStA CAÇAPAVA

gIUlIANA SAN MARTIN

SocoRRo PINTo

CoLUNIStA PINDAMoNhANGABA

CoLUNIStA tAUBAté

JoSé lUIZ

lIgIA BAlloT

CoLUNIStA tAUBAté

PeTeR IoTe

CoLUNIStA LoRENA

6 | Vitti | revistavitti.com.br

cARloS MoURA

CoLUNIStA SUL DE MINAS

CoLUNIStA APARECIDA

lUIZ FelIPe

CoLUNIStA UBAtUBA

AlVINHo coRRêA

CoLUNIStA UBAtUBA

FABIANA FeRReIRA CoLUNIStA

Agosto, 2014


Onde vocĂŞ Encontra? Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 7


8 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


O mais novo empreendimento da Rede Nacional Inn

Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 9


10 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 11


entrevista

monicuee alvez

DHF QUAlITY

Disney da Silva, Rodrigo Hunnicutt e Fábio Freire, sócios proprietários da DHF Quality

quisemos ser a maior “ Nunca construtora, mas buscamos ser a melhor do mercado.

a

construtora e incorporadora dHf quality foi fundada em 12 de julho de 2007, e desde então atua no ramo da construção civil nas cidades de taubaté e pindamonhangaba. Com recém completados 7 anos de atividades, os sócios proprietários disney da silva, rodrigo Hunnicutt e fábio freire falam sobre o que já realizaram, as inovações tecnológicas que aplicaram ao setor e sobre a atual situação de mercado.

Vitti - A DHF trouxe de forma pioneira um novo programa de computador que promete revolucionar o setor da construção civil. O que é essa nova ferramenta? Rodrigo Hunnicutt - nós temos uma postura inovadora desde o início da empresa. Queremos sempre conquistar novos espaços. nós três viemos de experiências profissionais diferentes e por isso trouxemos inovações. Por exemplo, trouxemos a fi losofia industrial para dentro do mercado da construção civil, aumen12 | Vitti | revistavitti.com.br

tando produtividade e evitando desperdícios. acho que o principal exemplo desse espírito de inovação é o Bim (Building information model), um programa de computador que constrói o prédio virtualmente, e nele podemos detectar todos os problemas que eventualmente surgiriam no andamento da obra, mas isso antes de começá-la. não é simplesmente uma maquete eletrônica, e sim algo muito mais complexo e detalhado. Seu uso evita desperdício de tempo e dinheiro, além de aumentar a qualidade da construção.

Vitti - Como funciona na prática esse soft ware? R.H. - nele é possível desenvolver o projeto e construir o prédio bloco a bloco, tudo virtualmente. com isso você enxerga todos os detalhes, incluindo tubulação hidráulica e elétrica, e o programa indica problemas, como um tubo que passaria no meio de uma viga, por exemplo. essa detecção prévia evita o transtorno e já é corrigido ali no projeto. você consegue medidas exatas de tudo o que compõe a obra, isso evita imprevistos na hora de construir. Quando termina de montar Agosto, 2014


Transformando seus projetos em realidade.

10

Preço à vista em

fotos: Kadu Nascimento

Entregamos seus ambientes em 30 dias.

Taubaté Design *Promoção válida de 01/08/2014 até 31/08/2014. Condição sujeita a aprovação de crédito com o banco indicado.

Agosto, 2014

Rua Jacques Félix, 307, Centro Taubaté / SP 12 3426.9450 | 12 99727 4906

revistavitti.com.br | Vitti | 13


o prédio no computador, um comando quantifica o material que será necessário, o que ajuda na montagem de um cronograma financeiro mais exato. Vitti - Em números, quanto se consegue economizar numa obra com o uso do BIM? Disney da Silva - certa vez vi um levantamento de que para cada prédio de 10 andares construído, 20% da obra é desperdiçada. isso porque não há planejamento correto. o Bim evita esse desperdício de materiais, pois os cálculos são exatos. em números, uma obra realizada com o Bim tem taxa de desperdício de apenas 3%. R.H. - Há ainda o ganho ecológico, pois evita a geração de uma enorme quantidade de entulho. Vitti - Daqui em diante, o uso de programas de computador como esse será a realidade do mercado, apostando num processo geral mais ecológico? R.H. - Sim. Passamos por várias revoluções na construção civil ao longo dos séculos. Foram surgindo instrumentos que passaram a ajudar nos projetos feitos à mão, depois o computador e o autocaD, e agora os softwares em 3D que também quantificam o material da obra. Quem não entrar nesse novo sistema, no qual nós somos pioneiros aqui, ficará para trás com certeza. Vitti - Em relação ao mercado regional da construção civil, a concorrência é grande. Como vocês encaram o desafio de oferecer o “algo a mais” e garantir a sua fatia de mercado? D.S. - Desde o começo nós baseamos o sucesso da empresa no tripé: preço, prazo e qualidade. a qualidade está na aplicação do PBQP-H (Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade), que é o selo de qualidade iSo 9001 da construção civil, que nós temos. o preço, com a redução de custo e otimização da obra, vem por meio do Bim. e o prazo entra no conceito do custo, já que tendo um planejamento adequado, conseguimos cumprir os prazos. isso é um diferencial de mercado, com certeza. nunca quisemos ser a maior construtora, mas buscamos ser a melhor do mercado. Fábio Freire - Tem muita gente bacana em Taubaté fazendo coisas ótimas em 14 | Vitti | revistavitti.com.br

construção, com qualidade e entregando no prazo, mas é “mais do mesmo”. nós não queremos ficar só nisso, queremos um pouco mais. Queremos melhoria da paisagem urbana, cidades mais bonitas, e acho que temos tido sucesso nessa caminhada, justamente por essa nossa troca de idéias ser tão rica e de termos tido a coragem de ousar. Vitti - Em julho a DHF completou 7 anos de atuação. Qual o balanço desses primeiros anos de trabalho? D.S. - Sempre procuramos trazer novidades, como prédios de apartamentos de um dormitório, por exemplo, algo que não era construído em Taubaté há muito tempo. construção com estruturas metálicas tubulares, como o condomínio empresarial Global office. Também eliminamos o subsolo e adotamos o edifício garagem. o efeito ecológico é positivo, pois evita retirada de terra e o transtorno da obra.

“ Tem muita gente

bacana em Taubaté fazendo coisas ótimas em construção, com qualidade e entregando no prazo, mas é “mais do mesmo”. Nós não queremos ficar só nisso, queremos um pouco mais.

F.F. - creio que um ponto bacana desse nosso perfi l inovador foi o DHF life, destinado aos profissionais de saúde. uma idéia única e pioneira. outro dado interessante, o Bosque Flamboyant, próximo ao Taubaté Shopping, hoje é uma das áreas mais valorizadas de Taubaté. mas até 2006 não era nada além de uma

área onde se despejava lixo. Tivemos a sensibilidade de enxergar que ali era um local de grande potencial. adquirimos o primeiro lote, construímos e foi um sucesso. Quando marcamos nosso espaço ali, outras concorrentes também acreditaram no bairro, e hoje ele está transformado. isso nos deu a certeza de que o caminho que nós traçamos estava correto. nós somos os caras com a foice na mão, abrindo a picada na mata. Temos uma visão de mercado diferente, nosso perfi l como sócios é diferente, e conseguimos apostar nisso. Vitti – Vocês apostaram há alguns anos no uso de estruturas tubulares em algumas construções. Qual a avaliação do resultado prático dessa inovação? F.F. - a melhor possível. Somos pioneiros em construções com estruturas tubulares, sistema muito mais preciso. Para se ter uma idéia, em concreto armado ou alvenaria armada a unidade de medida é o centímetro. em estruturas tubulares, a unidade é o milímetro. essas estruturas não permitem um desvio, pois os encaixes são todos aparafusados. a qualidade construtiva fica absurdamente melhor. Do ponto de vista ecológico, também é incrível, pois você não gera resíduos na obra. Vitti - Fazendo uma auto-crítica, qual a imagem que vocês têm na cidade enquanto empresa? D.S. - acho que a maioria do público entendeu a proposta da DHF. Determinados investidores compram sempre conosco porque entenderam a fi losofia de fazer algo melhor. nos propomos a fazer isso, e realmente fazemos. R.H. - no início, nos baseamos muito na fi losofia da natura e da Hyundai. Da natura, a questão da divulgação boca a boca. investimos muito nos corretores, compradores e amigos. Propaganda não era tão importante, apostávamos mais na reação em cadeia positiva dos nossos produtos. em relação à Hyundai, é a questão de ser uma empresa nova no mercado, buscando espaço contra concorrentes fortíssimos, investindo em produtos inovadores e oferecendo mais do que os outros ofereciam. Tomamos isso também para a nossa atuação e acredito que tivemos sucesso. Agosto, 2014


© 2014 Starbucks Coffee Company. Todos os direitos reservados. Imagem meramente ilustrativa.

Venha compartilhar nossa paixão por café. Vale Sul Shopping – Nova Loja! Portaria D Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 15


numeestetica numeestetica.com.br

TRANSFORME-SE. Aproveite o inverno e prepare-se para o ver達o com os melhores cuidados para o seu corpo!

16 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


DEZE7|www.deze7.com.br

Diretor Técnico: Dr. Gilberto de Abreu Victor CRM: 65432

Além dos procedimentos já consagrados, Imagem meramente ilustrativa e os resultados podem variar a cada paciente.

oferecemos também: - Endocrinologia Funcional; Dr. Aloiso Vargas CRM 149.905

- Nutrição Clínica Funcional; Dra. Aline Rezende CRN 32.342

- Odontologia Estética. Dra. Elen Coelho CRO 83.533

Rua Argentina, 173 - Jd. das Nações - Taubaté/SP |12| 3635.2663 |3624.1089 | 3629.4213 | 97401.3038 Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 17


vitti acontece

José, neto, renato, Daniel e alvise almoço do chef de cozinha Daniel, no moinho Restaurante, em Taubaté.

Derli, adryana, Mirian, andrea, rosane e rosi encontro de amigos no Restaurante Santa Figueira, em Tremembé.

Saulo e Karina no 16º Prêmio contigo! de Tv de 2014 que aconteceu no dia 28 de julho, no hotel copacabana Palace, no RJ. maurício e Rosana proprietários da choperia choppi de Santa Branca, premiados na categoria de chopes.

Festa Julina da aPae de Taubaté. murilo, andreia, marcos, marina, ucha, Paulo, José carlos, eliani e Judith.

18 | Vitti | revistavitti.com.br

ainda é possível, nos dias de hoje, encontrar a profissão de engraxate. Raquel e Didi Pasim sendo atendidos pelo magno.

bobby, simone, bruno, Manoela, carmem e beto

comemoração das Bodas de 25 anos de carmem e Bruno alvim.

Agosto, 2014


O Pátio Pinda é como você: a cara do seu pai. Junte R$ 200,00 em cupons fiscais e troque por uma linda nécessaire*. Promoção acumulativa válida de 1 a 17 de agosto de 2014 ou enquanto durarem os estoques.

Em breve.

Rua Alcides Ramos Nogueira, 650, Pindamonhangaba – SP – Tel.: (12) 3522-5591 – www.patiopinda.com.br *Promoção válida de 1 a 17 de agosto de 2014 ou enquanto durarem os estoques (mil unidades do modelo 1 e mil unidades do modelo 2). Limite de 2 (duas) trocas por CPF. Funcionamento do balcão de trocas: segunda a sábado, das 10 às 22 horas e domingo, das 14 às 20 horas. Imagens meramente ilustrativas.

Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 19


vitti acontece

FoToS: nanDo JR

encontro de motociclistas em Tiradentes - mG.

célia abud aconteceu no dia 19 de julho a 3ª Feijoada conexão Solidária, em SJc.

o casal de Pinda milene e luiz Gustavo (camisa 17 da Seleção Brasileira) jantando em Berlim, dias antes do começo da copa do mundo!

sabrina takahashi e claudio giordani

FoToS: aleXanDRe De Paulo/aDPHoTo

celia (conexão) e cesar braganholo (golden) entregam a doação para rico basano

o professor José Rui foi eleito este ano para mais um mandato como Reitor da universidade de Taubaté. na foto, José Rui e os novos pró-reitores nomeados. Da esquerda para a direita: Grandinetti (Proreitor de Pós-graduação), Florençano (Finanças), nara (Graduação), José Rui (Reitor), angela (estudantil), isnard (vice-Reitor), mario (extensão) e arcione viagi (administração). Jornalistas apreciam diversos sabores de pizza a Secretaria de Turismo de ubatuba, por meio do secretário Sérgio caribé, reuniu grupo de jornalistas das editorias de turismo durante fim de semana para conhecer a cidade e suas atrações. o jantar de boas vindas foi no tradicional Restaurante e Pizzaria Perequim, comandado por João e maria cecília Bianchi, considerados um dos melhores do litoral norte. João bianchi (ao centro) e secretário sérgio caribé com o grupo de repórteres

20 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Saúde

Prevenção de Doenças Cardiovasculares e Câncer por meio do Controle da Inflamação Crônica Subclínica Por Dr. Aloisio Vargas de Alencar

T

emos observado o aumento significativo das mortes por doenças relacionadas com a obesidade, principalmente o infarto, derrame e câncer. A relação entre a obesidade e as doenças cardiovasculares e o câncer é a inflamação crônica subclínica. Este tipo de inflamação é diferente da inflamação aguda com sinais e sintomas clássicos como inchaço, vermelhidão e dor. A inflamação crônica subclínica não se apresenta clinicamente, mas aumenta gradual e progressivamente o risco da geração e perpetuação das doenças crônicas degenerativas e do infarto, acidentes vasculares e câncer. A inflamação crônica subclínica faz parte de um conjunto de condições conhecidas como Síndrome Metabólica, que é a maior causa de mortes em todo o mundo. Essas condições são: obesidade, dislipidemia (alterações dos níveis de colesterol), hipertensão arterial, estresse, diabetes, resistência insulínica (níveis elevados de insulina), alterações nos marcadores inflamatórios como PCR (proteína C reativa), homocisteína, TNF alfa, lipoproteína A, vitamina D, inadequados níveis hormonais e de vitamina D, etc. A presença de alguns desses fatores, adicionados de um estilo de vida pouco saudável, com tabagismo, consumo exagerado de álcool e sedentarismo, formam uma equação de elevado risco de morte, principalmente pelo câncer e doenças cardiovasculares. A prevenção e o tratamento da inf lamação crônica subclínica vai muito além do que oferecer medicamentos para baixar o colesterol, a pressão arterial ou o açúcar no sangue. É necessária uma abordagem médica mais ampla e mudanças no estilo de vida. Dessa forma, por meio de uma visão integrada do ser huAgosto, 2014

mano, com menor intervenção medicamentosa e maior orientação em saúde, e também com a utilização de recursos terapêuticos mais naturais, como fitoterápicos e complementos ortomoleculares, pode-se tratar as causas, e não os efeitos, das doenças, sem os efeitos colaterais dos medicamentos, e sem a necessidade de intervenções como stents ou pontes de safena para desobstruir artérias. A melhor parte dessa nova abordagem médica é que as mesmas medidas para tratar ou prevenir a inflamação crônica subclínica no futuro, promovem hoje melhor qualidade de vida. Saúde plena é muito mais do que não estar doente. É um estado no qual as suas capacidades, sentidos e metabolismo, em qualquer idade, se encontram em um nível máximo de atividade. Significa que o corpo, a mente e a energia estão harmonizados

em seu máximo potencial, permitindo que cada segundo seja pleno e glorioso, e sua vida repleta de paixão e entusiasmo. Em qualquer fase da vida podemos melhorar o condicionamento físico, mental, sexual, profissional e a vitalidade como um todo. Desta forma, envelhecer não se torna sinônimo de adoecer, e sim a recompensa da sabedoria dos anos com a energia e o entusiasmo da juventude. Estamos vivenciando um novo momento da medicina, em que o médico terá a sua capacidade medida não mais pela eficácia com que cura doenças, e sim pela habilidade em manter as pessoas saudáveis, com plenitude funcional e qualidade de vida. Dr. Aloisio Vargas de Alencar é médico especialista em Endocrinologia funcional e longevidade saudável CRM: 149906 revistavitti.com.br | Vitti | 21


Negócios

Sinais de Idade Avançada

P

Por Arcione Viagi

ara a maioria das pessoas, incluindo eu mesmo, pensar em ficar velho é um drama porque ficamos pensando como será deixar de ter forças e ânimo para fazer aquilo que fazemos hoje. Os mais afeitos à beleza pensam como será a mudança da aparência, com rugas, flacidez, olheiras, cabelos brancos, calvície etc. Temos ainda os apegados aos aspectos materiais da vida que ficam preocupados com o destino dos seus bens. Quem será beneficiado? Merece essa distinção? Enfim, o ciclo de vida é cruel em deixar claro que todos devem ter a certeza de que um dia o fim chegará. E na maioria das vezes as pessoas sequer sabem quando será o dia fatídico. De qualquer forma, deixando de lado esse aspecto do ciclo de vida, vamos ao principal foco do tema colocado para reflexão nesse ensaio. A vida profissional e a acumulação de conhecimento pelas experiências vivenciadas. Independente da formação de cada pessoa, existe um fator determinante na vida profissional que é a acumulação de conhecimento. Essa realidade permite que muitos profissionais, cientistas, artistas entre outros, nunca tivessem estudado para serem destaques em suas especializações. O aprendizado é mágico e depende muito mais da força de vontade, do desejo de saber, do que de uma estrutura

22 | Vitti | revistavitti.com.br

formal para determinar o sucesso. Nesse sentido é possível que alguém que iniciou atividade simples em um ramo qualquer se torne com o tempo um autodidata, capaz de fazer inveja aos mais privilegiados pelas oportunidades advindas de estruturas familiares mais organizadas, da riqueza dos antepassados etc. A escola em sua lógica serve para dar oportunidades para que haja pelo menos uma padronização, um nivelamento, um equilíbrio entre os mais audaciosos, os mais ambiciosos e os automotivados e seus semelhantes nem tanto afeitos a autodedicação para alcançar seus próprios objetivos. Porém, há que se cuidar para essa estrutura não seja nivelada por baixo. Deve-se zelar para que o modelo não deixe de privilegiar os mais dedicados por limitar seu desenvolvimento pelo padrão estabelecido pelos menos motivados. E um bom sinal de que a idade avançada chegou foi definida por um grande profissional com quem tive oportunidade de trabalhar e aprender muito sobre os desafios profissionais de cada dia. Na opinião dele, e que ao longo do tempo apropriei para mim, começamos a sentir que envelhecemos quando nos deparamos com problemas já vivenciados em outros momentos. É aquela sensação de “já vi isso acontecer antes”. Quando isso começa a acontecer com frequência devemos aproveitar o

conhecimento acumulado para buscar a eficiência e eficácia em nossas atividades e tomar cuidado para não negligenciar algo que por ser conhecido poderia ser resolvido com facilidade desde que tivesse sido tratado com respeito e zelo. Arcione Ferreira Viagi é consultor empresarial. Contato: vitalconsultoria@gmail.com

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 23


Social Taubaté

clÍNIcA eSTéTIcA e MeDIcINA

no dia 25 de julho ocorreu nosso evento do mês "você + Bonita" no qual foi realizada uma avaliação Facial Profunda, orientando assim os clientes a melhor forma de tratamento para sua pele.

Fernanda almeida

edna andrade, Helena lobo, Fernanda almeida e Marisa geenen pirágine

vanessa klin e ellementti cosméticos com Fernanda almeida

socorro e Fernanda

24 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


BYE BYE, ROTINA. OLÁ, PÁTIO HOME RESORT.

Perspectiva ilustrada do parque aquático

3 E 2 DORMITÓRIOS COM SUÍTE VARANDA COM CHURRASQUEIRA

MAIS DE 40 ITENS DE LAZER

LOCALIZAÇÃO PRIVILEGIADA

AV. JOSÉ OLEGÁRIO DE BARROS, 1435 - TAUBATÉ

3026-1011

CONSTRUÇÃO E INCORPORAÇÃO

PARTICIPAÇÃO

COMERCIALIZAÇÃO

Agosto, 2014Projeto aprovado na Prefeitura de Taubaté. Processo nº 53381/2011, memorial de incorporação registrado na matrícula 68.034, livro II do oficial de registro de imóveis, títulos e documentos e civil de pessoa jurídica darevistavitti.com.br | Vitti | 25 comarca de Taubaté.


Economia

Investindo (com segurança) num ano de Eleições

O

Por Felipe Guarnieri

assunto é inevitável, num ano de eleições, onde muita coisa pode acontecer até o pleito, o que você como investidor deve fazer para proteger o seu patrimônio das fortes oscilações e dos desdobramentos das urnas? O ponto de partida – independente de sua posição política – é assumir que sim, os resultados das urnas impactam a economia e por consequência o valor dos investimentos. Com base nisso, você deve alocar a sua carteira de maneira a proteger e maximizar o resultado dela independente de quem ganhar as eleições. Escrevo isso no dia 26 de julho, após a divulgação pelo UOL de uma carta a clientes do banco Santander dizendo que – resumidamente – a situação atual do país é de baixo crescimento da economia, a inflação é alta e há déficit em conta corrente (gastar mais do que arrecada). Na análise do banco, uma eventual vitória da atual presidente poderia fazer a bolsa cair e o dólar e os juros subirem. A reação do partido da presidente foi bastante forte, dizendo que se tratava de terrorismo eleitoral, pregação de medo etc. Engraçado que no dia 6 de junho, a Folha (do grupo UOL) havia estampado a seguinte manchete “Dilma cai em pesquisa e faz bolsa ter melhor semana desde março”, e nada foi falado àquela época. Investidores olham rentabilidade e risco e ninguém deixa de investir em algo com alto retorno e baixo risco apenas porque um governo é de esquerda ou de direita. Realmente a situação da economia é bastante crítica e 2015 deveremos pagar um preço alto por decisões tomadas e deixadas de tomar nos últimos quatro anos. O crescimento está estimado em menos de 1%, a inflação furou o topo da meta de 6,5%, e por

26 | Vitti | revistavitti.com.br

último e mais crítico, o governo tem flertado com redução do superávit primário e até mesmo mudança no jeito de contabilizar as receitas e as despesas. Ao invés de pedir a cabeça dos analistas financeiros do Santander, seria mais efetivo para a economia, o mercado e a população, fazer o que o Lula fez em 2002 e 2003. Para quem não se lembra, o ano de 2002 foi duro para a economia, Lula crescendo nas pesquisas, investidores acreditando o discurso histórico de calote na dívida etc. Gente tirando dinheiro do país, exigindo taxas de juros mais altas para financiar o governo, inflação disparando e um dólar que bateu em R$ 4,00. Lula, durante a campanha, publicou a hoje famosa Carta ao Povo Brasileiro assegurando que iria manter as conquistas do governo FHC com o Plano Real. Ao ser eleito, escolheu para ser presidente do Banco Central um ex-presidente de banco do PSDB, que tinha acabado de ser eleito deputado federal e – principalmente – não fez o que o mercado achava que ele iria fazer, restabelecendo assim a confiança necessária para o mercado investir, gerar empregos e riquezas. Resultado: a bolsa voltou a subir, o dólar caiu, milhões de empregos foram gerados e a economia cresceu. Mas voltando ao tema inicial, o que deve-se fazer agora? Em primeiro lugar é ter estômago, o mercado vai ficar subindo e descendo a cada nova pesquisa, decla-

ração ou comentário, sejam eles verdadeiros ou não. Segundo, se o gerente do seu banco ou seu assessor financeiro lhe perguntar se o seu perfil é conservador, moderado ou agressivo, de um leve sorriso de canto de rosto e procure imediatamente outra pessoa para se aconselhar, não há nada errado em ser ao mesmo tempo conservador e ao mesmo tempo agressivo. Em terceiro lugar, talvez esta seja a melhor hora para ser ao mesmo tempo conservador e agressivo, coloque grande parte da sua carteira de investimentos em ativos livre de riscos, que num cenário de deterioração de confiança, não seja muito afetado. A recomendação aqui são fundos DI, títulos do tesouro principalmente os ligados a inflação ou a própria SELIC. Por outro lado, aloque uma parte de sua carteira, aquela que você “pode perder” em ativos de muito risco, como ações, dólar e opções. Dependendo de como o mercado reagir às eleições, esta é parte da carteira que ou pode valer muito mais ou perder muito valor, de qualquer maneira, a parte principal estará protegida nos dois cenários. Felipe Guarnieri é administrador de empresas, executivo financeiro e especialista em finanças. Contato: fguarnieri@outlook.com Este texto não é uma recomendação de investimentos.

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 27


Férias

FéRIAS

confira os clicks de quem aproveitou o mês de julho para curtir as merecidas férias.

cristina, célia Maria, cristiane, cynthia e célia em clearwater, na Flórida

carolina, valter, Otilia, natalia campos do Jordão

leila tauil e família - bariloche

renata, túlio, vicenzo e lívia - gramado

Marcelo, eduardo e roberto - Orlando

claides, Débora e eugen campos do Jordão

Margê peres, subindo os 400 degraus da catedral de notre Dame

lizete e Marcela - croácia 28 |cadu, Vitti | isabella, revistavitti.com.br

liliana e eric - nova York

Dheminho e Mônica - buenos aires

karol e cláudia -Agosto, portugal 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 29


Desenvolvimento pessoal

O que importa: a jornada ou o resultado final?

P

Por Christian Vieira

arece uma pergunta de resposta fácil, mas não é bem assim. Merece um certo grau de reflexão. Nosso lado racional tem a tendência quase que instintiva de responder que o que importa é curtir a jornada, mas nosso lado emocional está louco para ver o resultado final o mais rápido possível, é como se a linha de chegada fosse o único grande prêmio. Outra metáfora boa que podemos pensar é a seguinte: estou numa caminhada em direção ao topo de uma montanha, o caminho é cheio de trilhas, árvores, animais, mas meu foco é atingir o cume e desfrutar da vista estonteante que aquele lugar pode me oferecer, então sem perceber, posso estar perdendo toda a beleza, talvez tão estonteante quanto a vista do alto da montanha que uma diversidade de animais e plantas presentes na jornada tem a me oferecer. Mas então fica mais fácil eu pegar o helicóptero e voar até o cume da montanha, certo? Mas tem o mesmo sabor? É a mesma coisa? Então se pegarmos um elevador num prédio que nos dê a mesma vista, seria a mesma experiência? A questão é que não nos damos conta do que estamos fazendo, vivemos tão no “piloto automático”, que esquecemos de curtir a jornada. Quando focamos o

30 | Vitti | revistavitti.com.br

resultado final e não curtimos a jornada, contribuímos de forma significativa para vivermos uma ansiedade, querendo sempre que algo aconteça antes do tempo previsto, que cheguemos logo na linha de chegada. É como se quando criança eu quisesse ser adolescente para poder sair com os amigos. Quando adolescente queremos ter 18 anos para poder dirigir. Quando começamos a dirigir queremos ser adultos, começar a trabalhar o mais rápido possível para ter nosso dinheiro, para ter uma certa independência. Quando chegamos na idade adulta queremos nos aposentar para desfrutar a vida, e chegando na aposentadoria reclamamos que queríamos ser criança novamente para aproveitar o tempo que não foi aproveitado. Estamos sempre pensando no que vamos viver lá na frente (resultado final) e acabamos não vivendo o que está neste agora, nossa - e só nossa - jornada. Se pensarmos em passado, presente e futuro, o que realmente existe? O passado já foi, e o futuro nunca vai chegar. Por exemplo, daqui há 10 anos estaremos vivendo o presente “lá na frente”, certo? Só que fomos programados para utilizar nosso passado, mesmo que inconsciente, para direcionar nossas ações no futuro. Se fizemos algo no passado, que nos deu uma certa segurança, em algum nível, temos a tendência natural

de repetir este pensamento e, portanto, repetir este comportamento achando que também vai trazer segurança no agora. O problema é que ficamos oscilando entre passado e futuro, sem muitas vezes viver o presente, que é a única coisa que realmente existe. Viver a jornada significa curtir cada passo do agora que você se encontra, significa aproveitar cada presente que a vida te oferece. Muitas vezes este presente nunca apareceu antes, não sabemos como lidar com ele, olhamos para trás e não achamos nenhuma ferramenta para utilizar, e nessa hora podemos sentir aquele incômodo de estar sendo retirado do quentinho, retirado da nossa zona de conforto. Aproveite este momento, pois tudo passa, e é importante você ter vivido aquela experiência. E o que seria da nossa vida se não fosse pela jornada? Faça como os antigos samurais, vivendo cada dia como se fosse o último dia da sua vida, assim ela se transformará num piscar de olhos. Christian Vieira - Engenheiro, Coach nivel Senior, formado pelo Integrated Coaching Institute, também pelo CCL (Center for Creative Leadership - North Caroline), coach executivo pela Universidade de Cambridge e formado em Liderança Executiva pela Universidade de Pittsburgh. christian@bluebelt.com.br Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 31


Social Taubaté

SocoRRo IN Foco FoTo: luizinHo

Por Socorro Pinto helpkoka@hotmail.com

amanda bartelega szkelink

Happy Birthday! em 12 de julho foi comemorado os tão esperados 18 anos da bela amanda, junto com seus familiares e amigos em sua casa. Parabéns, muitas felicidades.

angela boccara e Maristela boccara Conhecimento sem Fronteira! Parabéns à nossa amiga angela, que representou o Brasil no congresso nacional da enfermagem e estomaterapia em Gotemburgo, Suécia. apresentou 17 trabalhos científicos, frutos do seu curso de especialização pela universidade de Taubaté, o qual coordena desde 2000. após o evento, aproveitou para conhecer um pouco da escandinávia em companhia da sua bela filha, maristela, estudante de medicina.

Férias Inesquecíveis! o casal elina e Wander passaram merecidas férias em solo norte-americano. Tudo começou num maravilhoso castelo em new Jersey, passando ainda por outros lugares como a primeira colônia americana, Boston, new York e a famosa universidade de Havard e terminando o roteiro na capital americana, Washington - Dc. Foi uma aventura encantadora além de uma incrível aula de história. 32 | Vitti | revistavitti.com.br

Francine Maia,carmem alvim, parê e christiane Mattos calvo(gerente de marketing do empreendimento)

Marilia teixeira pinto e sergio teixeira pinto

Expandindo Horizonte! no último dia 17 de julho, em Taubaté, o alphaville recebeu toda a imprensa e convidados para um delicioso coquetel. o objetivo foi passar informações sobre o novo projeto que será lançado em breve. Aniversário! muita fé e amizade marcaram o aniversário da querida marília. além de muitas orações, foi oferecido um delicioso jantar na companhia de familiares e amigos. Que venham mais comemorações.

Sonhos e realizações a artista plástica Regina reuniu amigos convidados e familiares para um coquetel de abertura de sua tão sonhada vernissage, que foi realizada numa noite de muito glamour. a exposição aconteceu entre 2 e 15 de julho. Sucesso!

regina consorte, Hercilio e caio elina ribeiro e Wander cunha Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 33


maquiagem

Q

Por Juliana Peloggia

ue as mulheres são todas Princesas é fato, mas o que não sabemos é que quando todas as luzes se apagam, essas mulheres viram fadas. e do conto de fadas para a vida real, resolvi adaptar uma maquiagem diretamente dos livros infantis e agora nos cinemas para o nosso dia a dia, ou noite. o que temos que ter em mente é tentar captar basicamente a essência daquilo que estamos vendo, e não copiar o look igualzinho e sair por aí parecendo um personagem. Preste atenção aos detalhes, cores e formas, mas principalmente no contexto

34 | Vitti | revistavitti.com.br

eRA UMA VeZ... do visual, pois assim você poderá escolher qual elemento servirá de inspiração para você compor seu look. escolhi a maquiagem da personagem da angelina Jolie do filme malévola, e fiz uma adaptação bem fácil para uma maquiagem usável. mesmo sendo um visual mais arrojado, acredito que “casa” perfeitamente para uma festa, balada e sessão de fotos. utilizei a técnica do esfumado horizontal fazendo um degradê que foi do bege no canto interno, marrom e finalizando com preto. Fiz este esfumado em 45 graus para alongar mais os olhos. o traço de delineado grosso quase gráfico foi feito com delineador em gel e usei cílios postiços inteiros.

os contornos foram reforçados e a pele por uma questão de inspiração ao personagem fez um tom mais claro do que a minha. Finalizei com batom vermelho vivo mate Roby Woo que é o meu preferido. era uma vez uma Fada, mas nem todo seu encanto era feitiço... era uma vez uma princesa, que precisou andar com as bruxas para gostar das flores... era uma vez uma menina, com encanto de fada, beleza de princesa que, com flores e maquiagem se tornou rainha e viveu sozinha feliz para sempre. Juliana Peloggia é maquiadora profissional www.julianapeloggia.com.br Agosto, 2014


M

Marina calรงados www.marinacalcados.com.br Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 35


Social Taubaté Por José luiz de Almeida luizinho-cafe@hotmail.com Desde 1992 facebook.com/luizinholanches

FlASH

alex cunha e anderson muller curtindo o show do amigo Peleco no Tcc.

amigos de todas as horas: luciana, valéria e Wilson.

Direto de Pindamonhangaba as amigas Pietra e Fábia Pasin no aniversário da miga adriana mussi. o casal Kelly e Daniel mussi curtindo um romance ao som do Peleco no Tcc.

Hericka, Pedro e José carlos, comemoram os três aninhos de vida do pequeno Pedrão. Parabéns muita luz no caminho e saúde para essa família querida! Rafael Palmieri, magali vieira e maria do Socorro colocando o papo em dia.

assoprando mais uma velinha a queridíssima cantora adriana mussi, comemorando com amigos e familiares no vila Santa. 36 | Vitti | revistavitti.com.br

Paula amaral no coquetel de lancamento do alphaville. Agosto, 2014


TAUBATÉ SHOPPING Av. Charles Schnneider, 1.700 Loja 95 - Vila Edmundo - Taubaté Agosto, 2014

www.clubemelissa.com revistavitti.com.br | Vitti | 37


Gastronomia

H

Por Rafael Ferro

á quem pense que alimentação é de fácil interpretação. Mas se qualquer indivíduo parar para refletir a ação dos alimentos em todos os seus aspectos: político, econômico, sociológico e ecológico, a conversa ficaria um pouco mais complexa. Só que dessa maneira a acessibilidade dessas informações não seria suficiente para uma grande maioria da população. A solução foi a criação de um novo conceito para o ato de se alimentar: a ecogastronomia. A ecogastronomia, como o próprio nome já traduz, está preocupada com a ecologia, não só animal e vegetal, mas a humana também. A proteção da biodiversidade e o conhecimento sobre os ingredientes de cada local não seriam levados a sério se a educação alimentar e as relações humanas fossem deixados de lado, ou seja, tudo tem início no próprio homem e a sua maneira de interagir com o meio em que reside. Sou um pouco suspeito para falar de assuntos como esse. Acredito na sustentabilidade, amor pelas raízes e multidisciplinalidade. Felizmente, e aos poucos, esse processo de atualização de consumo 38 | Vitti | revistavitti.com.br

Ecogastronomia está acontecendo de maneira natural e consciente. Novas maneiras de se pensar e atuar sobre os recursos que temos disponíveis no planeta são elaborados todos os dias, inclusive na gastronomia. A educação e a interação cultural fazem as pessoas crescerem espiritualmente e sociologicamente. Quando se respeita algo desconhecido e diferente você é capaz de transmitir todo seu conhecimento para as ações do dia-a-dia, pois está aberto ao mundo de possibilidades. Inconscientemente novas maneiras de se viver surgem como um manifesto ao ritmo atual, como é o caso da ecogastronomia. Essa filosofia de que o alimento é nossa cultura, identidade e riqueza não é insanidade. Em alguns países, especialmente na Europa, já existe esse pensamento há anos. Quem teve oportunidade de comer ingredientes frescos de diversas regiões e comparar com os que encontram na sua cidade, sabe a diferença das texturas, aromas e sabores. Se você conhece vinho fica ainda mais fácil, nunca o mesmo vinho será igual ao outro se produzidos em locais diferentes, correto? Mas a cultura de consumo da economia global e nacional é difícil de ser superada por ter a maior parcela de atu-

ação em todos os segmentos de mercado e dominar as políticas e os segmentos logísticos de transportes. Por esse motivo a solução está na produção local. Vá para o mercado da sua cidade ou para cidades mais rurais e veja o que tem por lá. Aprecie sabores novos, frescos e orgânicos. Aprenda com outras culturas. Faça um pequeno turismo. Viva com menos pressa. A ecogastronomia não proíbe ninguém de comer aquilo que cada um gosta, só pede para buscar informações sobre o produto que você ingere. O alimento equivale ao prazer, mas também à consciência e à responsabilidade. Todos somos coprodutores de tudo que é ofertado no mercado. Você estaria financiando uma exploração animal ou o uso do agrotóxico nos vegetais? Acredite, tudo começa a partir da sua mesa e você tem o poder de comer o futuro que você quiser. Mas lembre-se que ser um consumidor consciente faz toda a diferença para os ecossistemas e as pessoas ao seu redor. Uma revolução pode nascer apenas com raízes locais. Rafael Ferro é consultor gastronômico e sommelier. www.facebook.com/papogastronomico Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 39


cervejas

MeRcADo eM AlTA

CerVejas espeCiais e Bares espeCialiZadOs ganHa espaÇO nO paÍs

e

Da Redação

aquele chopinho de sexta após o expediente? É a hora de tirar o paletó, sentar a mesa do bar e entornar um bem refrescante para dentro, o que não é tarefa das mais difíceis. logo, qualquer movimento que se faça em elevação da palavra cerveja, chopp ou afins, torna-se um tanto mais fácil. no entanto, algo está mudando em nosso país. a cultura que aprecia, degusta e harmoniza uma das bebidas mais consumidas em território nacional, parece que ganha uma proporção de importância muito superior. ao passo que chegam novas marcas de cervejas feitas de forma artesanal, alguns costumes tendem a se adaptar. e o que são cervejas artesanais ou especiais? não se trata de algo de outro mundo, o que seja totalmente revolucionário. Para ser artesanal podem seguir receitas antigas, seguindo a lei de Pureza da cerveja – Reinheitsgebot e não pode superar a marca de 2,4 hectolitros por ano, são muito tradicionais em países da europa como Bélgica e alemanha. 40 | Vitti | revistavitti.com.br

com um crescimento que hoje já supera incríveis 15% anuais, o mercado de cervejas especiais supera expectativas de anos anteriores. Já há uma expectativa de competição com as grandes marcas em menos de cinco anos. Hoje, o crescimento proporcional já está maior, uma vez que a procura ainda é não proporcional. o retrato de crescimento do país é que no Pará, norte do país e que não há consistência de mercado, a amazon Beer, investe cerca de 12 milhões de reais em um novo parque industrial. Junto a isso estão surgindo inúmeras oportunidades de negócio, como bares especializados e franquias. o país conta hoje com mais de 240 cervejarias, segundo luiz vicente mendes, diretor comercial da Brasil Bier, feira realizada em Belo Horizonte que reúne dezenas de pequenos produtores da bebida. Para ele, o fenômeno é similar ao que ocorreu 30 anos atrás nos estados unidos, quando lá havia essa quantidade de cervejarias (hoje, são 2,4 mil). “no nosso caso, as microcervejarias estão crescendo a uma taxa de 20% ao ano, enquanto os pubs ou bares especializados crescem cerca de

30%. É um potencial enorme”. o primeiro passo para aqueles que desejam investir em um bar especializado em cervejas de nicho – ou que produza a própria cerveja – é especialmente agradável: apreciar a bebida e ter contato com diferentes rótulos. Depois, sugere mendes, vale se inscrever em clubes de cervejeiros, frequentar bares especializados e até fazer cursos de sommeliers de cervejas. “o empreendedor também pode procurar uma das acervas (associações de cervejeiros artesanais) espalhadas pelo Brasil. em suas reuniões, os produtores trocam experiências e levam o que produzem para compartilhar com os pares. apenas em minas Gerais são 110 associados, que podem dar várias dicas neste ramo”, afirma. aqueles que já têm um estabelecimento e querem ampliar sua carta de cervejas podem frequentar as feiras do setor, onde será possível conversar diretamente com microprodutores e estabelecer novas parcerias. “o consumidor está mais exigente, chega no lugar e pede um rótulo diferente. então, as cervejas artesanais são interessantes até para diversificar as opções de um restaurante, por exemplo.”. Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 41


Social Taubaté

cUlTURA AlTeRNATIVA

Por Monicuee Alvez monicuee@gmail.com

FoToS: monicuee alvez

aconteceu no dia 17 de Julho o show da banda ira, no Sesc Taubaté. Depois de um recesso de 7 anos, o ira voltou aos palcos tocando clássicos como Tarde vazia e o Girassol.

FoToS: coleTivo enXaDa

Facebook/setemontanhasceudovale

42 | Vitti | revistavitti.com.br

"Faça você mesmo" com uma câmera na mão e um pouco de vontade a banda Blasta lança seu novo clipe "Fazer o Quê", produzido de maneira totalmente artesanal. confia no canal: youtube. com/blastarock

o coletivo enxada Produção audiovisual está trabalhando em um documentário sobre a comunidade Bio sustentável Sete montanhas que fica em Pindamonhangaba. as captações estão sendo feitas desde o começo do ano e vai retratar o crescimento das bio construções e estilo de vida das pessoas que lá moram. a comunidade é baseada na permacultura e está de braços abertos para quem quiser conhecer.

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 43


Games

Pokéfesta

Personagens de Pokémon completam 15 anos de Brasil. Saiba como surgiu a febre dos monstrinhos e o que o futuro reserva para eles

O

Por André Fawks

ano era 1996. Era comum você andar pelas ruas e se deparar com crianças de todas as idades com seus videogames de bolso nas mãos. Jogavam Tamagoshi? Que nada! Você controlava um garoto chamado Ash Ketchum que com seu Pokémon (abreviatura de “Pocket Monster” - Montro de Bolso), saía em sua jornada por entre várias cidades afim de capturar outros Pokémons, criaturas com diversos poderes e habilidades que podem evoluir à medida que ficam mais fortes e experientes, afim de se tornar o mestre dos treinadores, derrotando líderes de ginásios em torneios envolvendo tais monstros. Essa é a premissa dessa que é considerada uma das franquias mais populares e milionárias da cultura pop de todos os tempos. Ao contrário de muitos filmes ou desenhos de sucesso que acabam gerando seus Games (como foi o caso de Batman ou Star Wars), Pokémon surgiu primeiramente no videogame portátil GameBoy, lançado pela Nintendo, uma das gigantes dos jogos, responsável pela criação de outros grandes ícones como Mario Bross e Donkey Kong. Pokémon é criação de Satoshi Tajiri, um desenvolvedor de jogos que na infância gostava de capturar insetos e guardá-los em jarros de vidro. Em suas brincadeiras, ele costumava imaginar lutas entre eles, como as que aconteciam entre seus heróis e montros de seriados que costumava assistir. Quando cresceu, não deu outra. Depois de passar um tempo escrevendo para revistas especializadas, ele iniciou sua própria desenvolvedora de jogos, a GameFreak, em 1989. Foi no ano seguinte que ele começou a criar todo o esboço da idéia de Pokémon. A Nintendo acreditou na idéia, tornando-se a coprodutora da marca. Estava formada a união de sucesso.

44 | Vitti | revistavitti.com.br

Os primeiros títulos, lançados simultaneamente, eram Pokémon “Vermelho” e “Verde”. Desde então, foram mais de doze milhões de cartuchinhos vendidos. Surgiram a versão azul, amarela, Gameboys Colors, já que a primeira versão do portátil era preto e branco, e no mesmo ano surgiam o “Trading Card Games”, jogo de cartas onde o jogador monta seu “Deck” (conjunto com 60 Cartas) e luta contra seu adversário. Mas nem só de games vivia Ash e seus amigos. Em 1997, surgia o anime (desenho animado) no Japão se tornando um grande sucesso, e no Brasil não foi diferente. Exibido a partir de 2000 pela Rede Record, a série elevou os índices de audiência, se tornando febre imediata entre o público e gerando produtos de sucesso. Camisetas, revistas, brinquedos e demais bugigangas que encheram os bolsos da Nintendo por anos, e hoje, estima-se que a marca Pokémon já tenha reunido

mais de cinco bilhões de dólares em todo o mundo só em merchandising. Mesmo não estando mais no topo da moda como antigamente, enfrentando concorrentes como Digimon e Naruto, Pokémon ainda dará muito “pano pra manga”. O que antes eram 150 criaturas catalogadas, hoje são mais de 718; 17 temporadas de anime; 16 filmes - o 17º estreou em julho no Japão. As versões “x” e “y” do Game tiveram uma boa saída já estando previstos mais dois títulos para o Console 3DS, e chegou até a estampar a camisa (réplica) da seleção japonesa de futebol, da Copa deste ano. E o que jamais será negado, é quanto essa série é importante para tantas pessoas, inclusive a mim, que cresci assistindo a esse anime e evoluindo juntamente com ele. Obrigado ao maior mestre Pokémon Satoshi Tajiri e que venham mais 15 anos, porque a jornada não acabou e ainda “temos que pegar!”.

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 45


Ponto de Vista

Vamos virar o jogo?

T

Por Carlos Marcondes

udo o que possamos concluir a respeito da partida de futebol da Copa do Mundo, ocasião em que a seleção alemã impôs uma derrota acachapante à equipe verde-amarela, hoje é passado, e, como costumo dizer, sobre o passado nós não temos poder algum. Portanto, só nos resta fazer a leitura do fato e extrairmos as lições mais apropriadas para o futuro. Pois bem, minutos após o apito final dos 7 a 1, de triste memória, recebi mensagem de uma amiga dileta que, a meu ver, traduz - de forma inequívoca - verdades estampadas no nosso dia-a-dia, as quais não podemos mais ignorar. Transcrevo, abaixo, o texto ao qual me refiro: “Isso representa mais que um simples jogo! Representa a vitória da competência sobre a malandragem! Serve de exemplo

46 | Vitti | revistavitti.com.br

para gerações de crianças que saberão que pra vencer na vida tem-se que ralar, treinar, estudar! Acabar com essa história de jeitinho malandro do brasileiro, que ganha jogo com seu gingado, ganha dinheiro sem ser suado, vira presidente sem ter estudado! O grande legado desta copa é o exemplo para gerações do futuro! Que um país é feito por uma população honesta, trabalhadora, e não por uma população transformada em parasita por um governo que nos ensina a receber o alimento na boca e não a lutar para obtê-lo! A Alemanha ganha com maestria e merecimento! Que nos sirva de lição. Amar a pátria em um jogo de futebol e no outro dia roubar o país num ato de corrupção, seja ele qual for, furando uma fila, sonegando impostos, matando, roubando! Que amor à pátria é este! Já chega! O Brasil cansou de ser traído por seu próprio povo! Que sirva de lição para que nos agigantemos para construirmos um país

melhor! Educar nossos filhos pra uma geração de vergonha! Uma verdadeira nação que se orgulha de seu povo, e não só de seu futebol! É isso aí!”. Espelhemo-nos, portanto, nos exemplos da própria Alemanha e do Japão, que ressurgiram das cinzas no pós-guerra e, hoje, são potências mundiais. Ou, principalmente, no exemplo da Coreia do Sul que, através de uma revolução na educação do país, em 30 anos deixou de ser uma nação atrasada para ser modelo no mundo, por suas conquistas tecnológicas. Temos, enfim, uma grande oportunidade para começar a mudança: ELEIÇÕES. Não vamos permitir que os oportunistas de plantão vençam o jogo. Fiquemos atentos. Carlos Marcondes é Jornalista e Advogado. Contato: cmcomunicacoes@gmail.com

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 47


ambiente construído

DivulGaÇÃo

Hidrelétrica de Itaipu, principal geradora de energia do país

HIDReléTRIcAS, escassez de água e falta de energia Alternativas para geração de energia em meio à crise da água no sudeste brasileiro

o

Por Adilson Peloggia e Roque Antônio de Moura

Brasil está pagando muito caro por ter escolhido a opção mais barata para sua matriz energética em vez de ter ampliado as possibilidades de outras fontes alternativas de energia. o sistema elétrico está convergido para um gargalo porque o país passou a ser dependente das hidrelétricas. com um baixo nível pluviométrico (falta de chuvas) e os reservatórios em volume de segurança, as termelétricas, que deveriam ser acionadas apenas em casos emergenciais, foram inseridas ao sistema, aumentando o custo do megawatt/hora (mWh). Hoje, térmicas e grandes usinas hidrelétricas geram mais de 90% da energia utilizada pelo país. mas não faltam alternativas e iniciativas capazes de reduzir essa dependência. usinas de biomassa, energia solar e eólica, as pequenas centrais hidrelétricas (PcHs) e as mcHs (micro centrais Hidrelétricas) são apenas algumas fontes não convencionais para geração de eletricidade. Projetos de eficiência energética devem ser incentivados pelo poder público tais como: microgeração solar residen-

48 | Vitti | revistavitti.com.br

cial e geradores com utilização do etanol (produto nacional) também têm potencial para diminuir o caos do setor, que já está provocando aumento nas tarifas da conta de luz de todos os brasileiros. na avaliação de especialistas e pesquisadores, se estas fontes alternativas tivessem sido incentivadas pelo governo federal em tempos passados, com planejamento para a sua implementação, já estariam em fase operacional. no entanto, só agora em 2014, depois do aumento no risco do déficit de energia, o governo prevê uma maior participação desses segmentos. a previsão das empresas de Pesquisa energética (ePe) é contratar uma capacidade instalada de 39.000 megawatts (mW) em geração elétrica no período 2014-2018, sendo, 15.000 mW, ou aproximadamente 38%, ainda serão de hidrelétricas. as energias alternativas devem ficar com: eólica, com 9.000 mW, solar, 3.500 mW, biomassa, 2.400 mW, térmicas a carvão e gás com 7.500 mW e as PcHs e mcHs com 1.500 mW. as prioridades equivocadas do governo brasileiro tornaram a atual crise no setor elétrico uma crônica anunciada, na opinião do pesquisador da embrapa agroenergia José Dilcio Rocha, em que defende a utilização de biomassa na geração de energia.

“o uso de resíduos como o bagaço da cana de açúcar, cavaco de madeira ou casca de arroz entre outras matérias prima como combustível poderia gerar aproximadamente 14 mil mW, o equivalente à produção da usina de itaipu”, disse. outra fonte inexplorada no nosso país por falta de pesquisa e pesquisadores é o das marés, onde as vantagens estão na atividade oceânica constante e previsibilidade da ocorrência e o fato de ser uma fonte inesgotável de energia não poluente. no que diz respeito às hidrelétricas, será necessário voltar a chover — e chover muito! — sobre as regiões produtoras de energia ainda neste verão, vamos tirar água de onde até o fim do ano? Se o verão acabar, e os níveis dos sistemas hidráulicos se mantiverem baixos (em 15%), é com volumes baixos que vamos ficar até o verão de 2015. e se dermos o azar de também não chover no verão de 2015, vamos viver o mesmo problema tudo de novo, de forma ainda mais crítica, pois o “volume morto” que vai ser consumido agora não estará mais lá para salvar a pátria uma segunda vez. economizar água também não será uma opção, pois não haverá mais o que economizar. É fato: uma hora, a água vai acabar. e essa hora não está longe. Agosto, 2014


DEZE7|www.deze7.com.br

Sugestão

do

Chef

Desfrute seu whisky predileto no Figueira.

Sempre com novidades e preço fixo.

R$ 69,90

entrada + prato principal + sobremesa

Clube do Whisky

Mexemos com você do anúncio a sobremesa.

www.santafigueira.com.br

Double

Agosto, 2014

O melhor da MPB com double pizza.

RESERVAS : (12) 3674.1400 P ç a Pa d r e L u i z B a l m e s , 1 2 0 P ç a Ba síl ic a - Tr e m e m bé | S P

F uja para o figueira

revistavitti.com.br | Vitti | 49


Viva bem

Andar de bicicleta é uma boa

C

Por Murilo Baracho

onsiderada o meio de transporte mais utilizado do mundo, a bicicleta é um veículo de duas rodas que se move pelo esforço do ciclista através dos pedais. Ela não emite gases poluentes; dá um “up” no corpinho - já que é um ótimo exercício para as pernas, faz bem à saúde, pois previne e controla doenças e, o melhor de tudo, ajuda a controlar o estresse e a ansiedade. Minha bicicleta está encostada em um cômodo de casa onde guardamos os sapatos. Aqui, em Tremembé, as ciclovias andam meio vazias. Acho que às vezes dou uma de médico: sei o que é bom para a vida, o que devemos fazer e receito para todos. Andar de bicicleta me faz lembrar uma música especial de uma cantora inglesa de soul music, não tão conhecida como outras da atualidade. “Put you records on”, é o nome da música, de Corinne Bailey Rae, em português se chamaria “Coloque seu som pra tocar”. Amo falar sobre coisas simples, e essa

50 | Vitti | revistavitti.com.br

música é uma delas, algo que traz bem-estar. Tem dias que estamos tão envolvidos com as coisas que até esquecemos de nós mesmos. Às vezes o cansaço deve fazer com que esqueçamos o que gostamos de fazer e que temos uma vida pela frente. Nesses casos, o melhor a fazer é parar, pensar e relaxar. E existe coisa melhor do que relaxar sentindo o vento e olhando as paisagens se tornarem arte abstrata quando se está a toda a velocidade sob duas rodas? Imagine 75 milhões de pessoas curtindo as mais distintas paisagens brasileiras em cima de uma bicicleta. Pois é, essa é a estimativa do número de ciclistas no Brasil. Aqui as bicicletas chegaram em 1898, vindas da Europa, e a primeira fábrica do mundo nasceu em 1875. Desde essa época as pessoas já podiam sentir as boas sensações das pedaladas. É através de atividade como essa que trazem boas sensações e até uma certa felicidade que devemos canalizar nossas emoções. Assim nós podemos nos sentir bem, sorrindo, numa vibração incrível.

Alegria não se sente, se vive e a gente só reconhece que está vivendo quando nos pegamos ali, de boa, com tudo em cima e sem preocupações, tudo isso, é claro, a partir de um belo sorriso no rosto e tranquilidade na alma. Vivemos no meio de tanta gente que é realmente difícil se sentir pra cima a todo momento, afinal, temos que lidar com as pessoas e suas personalidades, temperamentos e problemas, que mudam todos os dias. O importante é dar menos valor aos problemas pequenos e se sentir potente, quem sabe até o suficiente para ousar e quebrar a rotina. Por que não? É nesses momentos, diante desses questionamentos que devemos nos permitir curtir o mundo, mesmo que isso possa parecer cansativo. Temos inúmeras possibilidades e podemos tornar o mundo pequeno, por isso, é hora de tirarmos nossas bicicletas do quartinho de sapatos e curtir as flores do caminho. E como diria Albert Einstein, “viver é como andar de bicicleta: é preciso estar em constante movimento para manter o equilíbrio”. Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 51


Social aparecida

APARecIDA

lindos cidinha e arthur, juntos em todos os momentos.

Por ligia Ballot Decoradora liballot@hotmail.com

mais um click na festa Felizcidade, que parou Guaratinguetá no restaurante luciana Slow Food.

Rose Janaina e seu filho lucas na inauguração de seu ateliê lov. Tudo perfeito!

Débora cavalheiro e Kawana Sanita curtindo o verão em vancouver, canadá. 52 | Vitti | revistavitti.com.br

Thaísa Samaha: pura felicidade.

Família linda e reunida para comemorar os 60 anos da Fa. Parabéns, muita saúde e paz! Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 53


Reflexão

AJUDe, coMPReeNDA e coNSole, SeMPRe

R

Por Juliana Bueno

ecentemente, eu estava me sentindo realmente cansada. os problemas eram muitos, e as vezes pareciam aumentar cada vez mais, como uma insuportável e indomável “bola de neve”. então descobri um livro. isso quase sempre acontece, frequentemente pesquiso nas livrarias até encontrar, por intuição principalmente, exatamente o livro que quero e preciso ler. vou colocar aqui para vocês um pequeno trecho, e em seguida escrever um pouco mais, especialmente sobre o titulo deste artigo. “a única finalidade da vida é crescer. a suprema lição é aprender como amar e ser amado incondicionalmente. Há milhões de pessoas no mundo que estão passando fome. Há milhões sem um teto. Há milhões que sofrem de aiDS. Há milhões de pessoas que sofreram violências. Há milhões de pessoas que padecem por invalidez. Todos os dias, mais alguém clama por compreensão e compaixão. escutem o som de suas vozes. escutem como se o chamado fosse música, uma linda música. Posso garantir que as maiores recompensas da vida inteira virão do fato de vocês abrirem seus corações para os que estão precisando. as maiores bençãos vêm sempre do ajudar aos outros.”. (...) “Devemos viver verdadeiramente até a hora da morte. ninguém morre so-

54 | Vitti | revistavitti.com.br

zinho. Todos são amados além do que são capazes de compreender. Todos são abençoados e guiados”. este é apenas um trecho do livro tão importante para o nosso aprendizado. a autora, elizabeth Kübler-Ross, escreveu “a Roda da vida” (editora Sextante) para contar sua história. ela é uma médica, atualmente idosa, e sofrendo os terríveis males de uma fase final de vida com uma enorme fragilidade, sendo cuidada por enfermeiras e cuidadoras. no entanto, toda sua vida como médica, professora universitária em grandes instituições norte-americanas, toda sua atual existência, foi totalmente voltada para ajudar, curar, consolar, resolver problemas dos outros. milhares de pessoas com os mais variados dramas, sofrendo com doenças e o abandono, quase sempre sem que ninguém cuidasse delas ou que se importasse com o que elas pudessem estar sentindo. esta médica suíça, que morou a maior parte da vida nos eua, dedicou-se inteiramente a cuidar de todas estas milhares de pessoas. isso tudo, além de cursos e seminários sobre a “morte e o morrer”. ela se tornou especialista em doentes e em doenças terminais, sempre lutando para que essas pessoas tivessem todo o amor possível. Descubra este livro e a historia de elizabeth Kübler, sua família, seus filhos, seus dramas pessoais. mas, principal-

mente sua incrível capacidade de amar, sem se preocupar nunca com qualquer tipo de retribuição. aprender a amar é desenvolver a bondade e a compaixão no nosso coração envolvido por uma certa amargura. É preciso parar para pensar nos milhões de pessoas que sofrem. o que poderíamos fazer para ajudá-los? antes de mais nada, precisamos realmente sentir o drama pessoal. a prece sempre pode ajudar, principalmente se ela vier de um coração realmente envolvido. Somos todos aqui na Terra uma grande família. nesta fase angustiante que estamos vivendo, a grande família terráquea pede acima de tudo: amor, bondade, harmonia e união. não permita mais que uma incompreensível alienação invada a paisagem da sua alma. Permita-se sentir, e até mesmo sofrer um pouco por esses seres humanos que precisam tanto de nós. assim, você encontrará o melhor caminho de rezar. conversará com o “Deus do seu coração” e conseguirá atrair para este mundo de dor e de lágrimas as mais puras, harmoniosas e até mesmo milagrosas vibrações. aos poucos então, tudo se transformará. Juliana Bueno, é jornalista e escritora, especializada em temas espiritualistas e comportamentais. Seu mais recente livro “Dores ocultas” pode ser encontrado nas livrarias de sua cidade, ou através do site de sua editora: www.besourobox.com.br Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 55


Social Pindamonhangaba

PINDA

Por giuliana San Martin gggsm@hotmail.com

milene marques, nossa querida conterrânea de Pinda, noiva do jogador que mais corre dentro de campo para defender a Seleção Brasileira, luiz Gustavo, é nosso destaque deste mês na Social de Pinda na copa! Juntos há 7 anos, hoje residem na alemanha onde o jogador defende o Wolfsburg. ela nos apresenta seu pequeno milan, de 6 meses, e diz que fez questão que ele nascesse na terra onde ela e seu noivo nasceram, cresceram e se conheceram, ainda quando luiz Gustavo jogava em um time de alagoas.

Paulo cartagena, vinicius e ana Paula Gomes na arena castelão curtindo Brasil x colombia. Pinda na copa!

56 | Vitti | revistavitti.com.br

Fernando e ulisses no mineirão. Pinda na copa!

Ricardo e Tiago Giovanelli no jogo do Brasil, em São Paulo. aquecimento para copa! Brasil x Sérvia.

Agosto, 2014


O melhor loteamento de alto padrão doVale do Paraíba! Lançamento oficial 21 de agosto de 2014 A partir das 19 horas

Entrada principal de Pindamonhangaba

Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 57


Social caçapava

cAleIDoScóPIo

Por Anna Dennz annadennz@hotmail.com

Love is in the air II em dia de folga do requintado le Bistrô, Flávio vieira em harmonia com a natureza junto a sua anita Prado, na cinematográfica Fazenda lago do Sol, em caçapava. beto kavalcante e abel Freitas

Love is in the air I a musa do dentista alcides José de oliveira Santos, a bela aeromoça márcia Kirsten, de férias em solo taubateano curte com mais tempo seu amado em evento vip.

Tietagem pouca é bobagem! um almoço no estrelado edo Sushi, foi onde os irmãos Jonathan e João vitor Dennz encontraram e registraram o momento emocionante com o ídolo da internet, o pianista Fabrício di Paolo, conhecido como lord vinheteiro, que é arranjador, produtor musical, compositor e sonoplasta. Encontro de campeões mas o dia não era nem de jiu-jitsu, nem de basquete. João Gustavo vasconcelos em pausa para compras na aplle Store, na Flórida (eua), encontrou seu ídolo, o literalmente grande mão-Santa, oscar Schmidt. 58 | Vitti | revistavitti.com.br

andrea e caroline Maia juntamente com Renato Krunfli do Barracuda Quem Casa quer luxo! a ideia de desenvolver a primeira edição do Wedding experience, em São Sebastião, na praia de Toque-Toque Pequeno no Baraqueçaba Beach Bar, foi o máximo. a proposta foi reunir para futuros noivos e convivas o que há de melhor no setor. no comando abel Freitas, isso é Pauta e expresso Gourmet Tv e do chegou a Hora, entre outros parceiros de alto quilate. Tudo top à beira mar.

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 59


Saúde

as fÉrias

e a minHa pele Por Dr. Érico Pampado Di Santis

e

ste julho foi muito atípico, as férias escolares se misturaram com copa do mundo no Brasil, com uma derrota de 7 a 1, na verdade a viagem de muitos pelas férias ficaram em segundo plano e em quarto lugar. minha família e eu também nos deixamos levar e faltando pouco para a volta às aulas, resolvemos fazer uma rápida viagem, daquelas que a gente faz para os fi lhos terem o que escrever na redação. Pegamos o carro e: “para onde vamos?”. Sempre tive vontade de conhecer visconde de mauá. Que excelente escolha. coloquei no Google® e lá fomos nós pela via Dutra sentido Rio. Bem recebidos no centro de apoio ao turista, nos explicaram que aquele “complexo” que eu conhecia como visconde de mauá era composto de três vilas: a própria vila de mauá, de maringá e de maromba. e que maringá se subdividia

60 | Vitti | revistavitti.com.br

em duas: maringá de minas e do estado do Rio. adoramos e fomos premiados com um excelente show com Wagner Tiso e Tunai em um restaurante no lado mineiro de maringá. e no meio disso tudo uma das minhas fi lhas me perguntou se podia pegar micose no chão do banheiro, pois tinha lido algo sobre fungos. veio então a idéia depois dessa enorme introdução de escrever sobre as férias e a nossa pele. o que podemos levar de desagradável, de doenças em nossa pele, cabelos e unhas após termos descansado nas férias de inverno? Tomar banho sem chinelo no banheiro do hotel. Posso pegar uma frieira? É possível. os fungos estão em muito locais, inclusive no piso dos banheiros e algum hóspede com frieira pode ter tomado banho lá e deixado fungo que contaminam, entram na pele e ocasionam a micose. os hotéis devem ter um padrão de limpeza a cada troca de hóspedes com produtos que eliminam agentes infecciosos.

a micose é a doença causada pela entrada de um microorganismo, o fungo, na pele. a pele das crianças pequenas que geralmente sentam no box ou nas hidros, é muito mais fina e mais susceptível à aquisição desses visitantes indesejados. nos passeios, o que podemos levar de “lembrança” para casa são espinhos de árvores que funcionaram como corpos estranhos e o corpo responderá com inflamação da área. mas o que agride a pele no inverno é a desidratação. o frio e o tempo seco, o banho quente e o uso de fontes de calor como lareira aquecedores tiram toda umidade. a hidratação aqui é fundamental. além disso, a dica é tomar banho mais próximo do meio do dia e diminuir um pouco a temperatura da água. Bom retorno às aulas. Dr. érico Pampado Di Santis é médico Dermatologista. CRM: 96546 / RqE: 21582 Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 61


esporte

olHo No lANce

Por Ronaldo casarin esporte@revistavitti.com.br

a

Atletas masters na edição do ano passado do Troféu Zildo Bueno

RePRoDuÇÃo

TAUBATé PRoMoVe ToRNeIo De ATleTISMo MÁSTeR vÔlei taubaté lanÇa site OFicial

o

vôlei Taubaté/Funvic lançou no mês passado seu site oficial: w w w.voleit aubate. com.br. além das notícias diárias sobre a rotina dos jogadores taubateanos, a página também já conta com vídeos, fotos em alta resolução e em breve terá as tabelas atualizadas do campeonato Paulista e da Super liga. a imprensa poderá usar todos os releases publicados no site oficial para obter as informações necessárias sobre o time e também as fotos em alta resolução para ilustrar as reportagens.

62 | Vitti |Dante, revistavitti.com.br um dos principais reforços do Taubaté para a próxima temporada

cidade de Taubaté será palco do 5º Torneio de at letismo máster – Troféu zildo Bueno. o evento, um dos mais prestigiados pela comunidade do atletismo paulista, é uma celebração do esporte e também uma homenagem ao lendário atleta e hoje técnico zildo Bueno, que participará do encontro mais uma vez. o torneio engloba provas de pista e campo, com atletas a partir de 35 anos. a disputa será no dia 14 de setembro, na pista da cTi. as inscrições podem ser feitas até 30 de agosto. Informações: www.abrambrasil.com

caat On tHe rOaD 100 MilHas na serra

S

erá realizada no próximo dia 31 de agosto a quarta edição do "caaT on The Road - 100 milhas na serra". a prova de regularidade por estradas da Serra da mantiqueira é organizada pelo clube de autos antigos de Taubaté (caaT) e reunirá 50 clássicos do automobilismo, sendo o mais antigo do ano de 1929. neste ano a organização preparou uma novidade: conscientes da responsabilidade com a preservação do meio ambiente, o caaT firmou uma parceria com o projeto "carbon Stop", para o plantio de árvores, quantas sejam necessárias, para compensar a emissão de carbono pelos carros que participarem do evento. mais informações: www.antigostaubate.com.br Agosto, 2014


DivulGaÇÃo

JuDOcas De sãO JOsé sãO caMpeões pan-aMericanOs São JoSé RUgBY coNQUISTA o DécIMo TÍTUlo PAUlISTA eM 11 TeMPoRADAS

c

om um placar de 6 a 3, o São José Rugby clube venceu o São Paulo athletic club (SPac) na decisão do campeonato Paulista. a vitória rendeu ao time o 10º título estadual em 11 temporadas. o atual gestor do clube, maurício coelho, disse que esta foi uma “importante conquista frente a uma das maiores equipes de rúgbi do Brasil. uma nova fase do time que trocou de treinador e que já começa da melhor forma, com a conquista do Paulista”.

seis JOgaDOras DO sãO JOsé DeFenDerãO a seleÇãO brasileira De basQuete

o

técnico luiz augusto zanon convocou seis atletas do São José para a Seleção Brasileira Feminina que disputará o campeonato Sul-americano de Basquete, de 14 a 18 de agosto, no equador. a armadora Débora, as alas Patty, Joice e Ramona e as pivôs Fabi e Karina estarão no torneio. completam o time as armadoras adrianinha, cacá (ex-São José) e Tainé, as alas Jaqueline e Tatiane, as alas-pivôs izabela e vanessa e a pivô clarissa. a competição continental vale três vagas para os Jogos Pan-americanos de Toronto e quatro para o Pré-olímpico, ambos em 2015.

ex-PAlMeIRAS ReFoRçA ADc FoRD TAUBATé NA lIgA PAUlISTA De FUTSAl

o

elenco da aDc Ford Futsal já está de volta à disputa da liga Paulista. a equipe conta com um novo reforço: o ala Gui. com passagens pelo Palmeiras, Jacareí, armênia, Suzano e outros clubes de tradição no futsal, o atleta foi integrado a aDc Ford no mês passado. “estou muito feliz de vestir a camisa do time campeão dos Regionais e que tem excelentes jogadores. Fui muito bem recebido pelos meus companheiros e espero ajudar dentro das quatro linhas”, ressaltou o canhoto de 21 anos.

cOrriDas - prOgraMe-se

DivulGaÇÃo

s judocas da equipe de base de São José dos campos convocados para a Seleção Brasileira de Judô conquistaram o pódio nas categorias sub 18 e sub 21 no campeonato Pan-americano, realizado entre os dias 11 e 13 de julho, em el Salvador. os atletas Jefferson Santos e Sabrina Rosseto levaram títulos na categoria sub 18 e lincoln neves subiu ao pódio pela categoria sub 21. neste ano, o Brasil conquistou o título de campeão geral do torneio com 33 medalhas.

aRQuivo PeSSoal

o

SAlTADoR MARcelo APARecIDo FATURA DUAS MeDAlHAS NoS JogoS RegIoNAIS

o

saltador marcelo aparecido, de Taubaté, conquistou duas medalhas nos Jogos Regionais de caraguatatuba. no salto em distância, marcelo conseguiu a marca de 6,31m e ficou com o bronze. no salto triplo, a medalha de ouro veio com um salto de 14,58m. “Foi uma competição difícil, tanto pela qualidade dos adversários quanto pelas más condições da pista onde aconteceram as provas”.

inFOrMaÇões: WWW.MinHasinscricOes.cOM.br calenDáriO De prOvas agOstO/seteMbrO 2014

Movimento Unimed Quando: 17 de agosto Onde: Caçapava Distância: 5 e 10 Km Agosto, 2014

OAB Corre 2014 Quando: 24 de agosto Onde: Tremembé Distância: 7 Km

Corrida super 5K Quando: 31 de agosto Onde: São José dos Campos Distância: 5 Km revistavitti.com.br | Vitti | 63


esporte

Rio2014

caminho olímpico

Centro Olímpico de BMX, que estará no Parque Olímpico de Deodoro

altando pouco menos de dois anos para o início dos Jogos olímpicos do Rio de Janeiro – que começarão em 5 de agosto de 2016, vamos destacar mês a mês as realizações, os preparativos e os destaques esportivos da grande festa do esporte que acontecerá no Brasil.

DivulGaÇÃo cBHB

começam as obras do Parque olímpico de Deodoro

a

Prefeitura do Rio de Janeiro iniciou no último mês as obras do Parque olímpico de Deodoro, segundo maior centro de competições dos Jogos Rio 2016. o complexo esportivo – que será palco das disputas de 11 esportes olímpicos e quatro Paralímpicos - já conta com parte das áreas de competição construídas, um legado dos Jogos Pan-americanos 2007 e dos Jogos mundiais militares 2011. Três dos nove locais de competição do

e

la já praticou basquete, futebol, vôlei e atletismo, mas foi no handebol que a capixaba alexandra nascimento se encontrou. uma das principais atletas da modalidade no Brasil, alexandra teve seu auge quando foi eleita melhor jogadora do mundo em 2012, e em seguida, em 2013, ajudou o Brasil a conquistar o inédito título mundial na modalidade. aos 33 anos, a ponta vive a expectativa de defender as cores do Brasil em casa. “Jogar em casa faz a diferença. Jogamos o Pan-americano de 2007 e o mundial Feminino de 2011 no Brasil e ambos foram maravilhosos. escutar a torcida gritando e empurrando a gente não tem preço. Será muito importante a atuação do público para nos incentivar em cada jogo. contamos com o apoio de todos vocês em 2016”, disse a atleta. 64 | Vitti | revistavitti.com.br

complexo já existem - o centro nacional de Tiro esportivo, o centro nacional de Hipismo e o centro aquático de Pentatlo moderno - e serão adaptados, enquanto quatro instalações permanentes novas – a arena de Deodoro, o centro olímpico de Hóquei, o centro olímpico de BmX e o estádio olímpico de canoagem Slalom - representarão um importante legado esportivo para a cidade. outras duas estruturas temporárias também serão criadas – a arena de Rugby e Pentatlo moderno e o Parque olímpico de mountain Bike.

v

comiTÊ PaRalÍmPico BRaSileiRo

Alexandra Nascimento, estrela do handebol brasileiro

DivulGaÇÃo/eom

F

Por Ronaldo Casarin

Tiro esportivo dos Jogos Paralímpicos Rio 2016 já tem 28 países classificados Atletas da Coreia do Sul garantiram 11 vagas para o país nos Jogos Rio 2016

inte e oito países garantiram presença na competição de tiro esportivo dos Jogos Paralímpicos Rio 2016. a definição dos classificados aconteceu durante o campeonato mundial do esporte, realizado em Suhl, na alemanha, no mês de julho. o grande destaque da competição foi a equipe da coreia do Sul, que garantiu 11 vagas para seu país. china, noruega, Rússia e ucrânia - com quatro vagas cada -, emirados Árabes, Grã-Bretanha e Suécia - com três -, austrália, eslovênia, estados unidos, França, macedônia, Sérvia e Turquia - com duas -, e alemanha, Brasil, Dinamarca, eslováquia, Finlândia, Grécia, Hungria, irã, israel, Japão, mongólia, nova zelândia e Polônia - com uma cada -, completam a lista de países classificados. Agosto, 2014


Aventura

Expedição Estrada Real 2014 10 dias de aventura e belas imagens pelas montanhas de Minas Gerais

Texto e fotos por Gustavo Abelha

M

ovidos por uma aventura, pela emoção de pedalar e a razão de poderem desvendar novos lugares durante 10 dias em um dos roteiros mais desafiadores, alguns amigos se organizaram para superarem seus limites e realizar um sonho. O nome dos heróis: Valdir, Ernesto, Ivan, Gustavo, Paulão, Kalil e Armando. Nossa partida se deu no dia 9 de julho, às cinco horas da manhã rumando até Ouro Preto, de onde começamos a pedalada no dia seguinte, 10 de julho. A expectativa era enorme, já pensávamos no fim da viagem, no dia 19, onde iriamos comemorar uma conquista que foi e será a base Agosto, 2014

para outras buscas, pedalando por lugares paradisíacos onde histórias do Brasil e de nosso povo sempre estarão em destaque. Nesses 10 dias descobrimos, entre outras coisas, que os participantes teriam muito a se esforçar e aprendemos um com o outro. Um de nossos companheiros, que levava em sua bagagem 63 anos de vida, nos ensinou que a idade é mais um aliado e que não adianta preparo sem equilíbrio, vontade sem controle, garra sem limite e aprendizado sem humildade. Muitos dias ficaram na memória de cada um dos participantes. Mais de 30 pessoas se envolveram nesse projeto, onde foram percorridos mais de 700 km de estrada, trilha, montanha e asfalto. Nosso caminho foi traçado com um

objetivo, e foi sendo abraçado por cada amigo que fizemos durante a Expedição e realizado com sucesso em todos os aspectos por termos o clima e a energia a nosso favor. Muitos de nossos amigos foram nos passando a cada dia pelas mídias eletrônicas e como o apoio de nossos patrocinadores muita força e motivação. Fico com a sensação de missão cumprida e de poder estar junto realizando um sonho de cada um dos Bikers e principalmente aos 3 Mosqueteiros que me aturaram durante 10 dias cobrando deles uma meta e que foi perfeitamente realizada. Valeu, amigos, e até 2015. Gustavo Abelha é jornalista de aventura. Para saber mais: www.tribodatrilha.com.br revistavitti.com.br | Vitti | 65


esporte

lUZ, cÂMeRA, eSPoRTe e Ação

Por Fabiana Ferreira Jornalista, Videorepórter, produtora, atleta e apaixonada pelo esporte outdoor. fabycanoagem@hotmail.com www.luzcameraesporteacao.blogspot.com

JAMBAcRoSS:

o

MTB em Jambeiro

Jambacross já faz parte do calendário de eventos esportivos e agitou a cidade de Jambeiro, no que seria uma simples e pacata manhã de domingo. mais de 200 atletas de mountain bike estiveram presentes e tiveram o prazer de pedalar 20, 30 ou 50 km em estrada de terra, por subidas íngremes e descidas técnicas num percurso desafiador e envolvente. a prova foi organizada pela academia ubatuba outdoor Fitness com o apoio da Prefeitura de Jambeiro e H lera mTB, e contou com uma estrutura impecável para receber os atletas e seus familiares, sem falar na premiação em dinheiro para a principal categoria de 30 e 50 km e kits especiais com produtos mazza Bikes. Próximos eventos: 30/08 – K42: etapa mundial de maratona Rustica. 06/09 – Prova Pedestre de 7 km em comemoração ao Dia do educador Físico 04/10 – night Run – 5 e 10 km de corrida. 19/10 – SuP & Run: 5 km remade + 5 km trail run ou 10 km remada + 10 km trail run. Acesse a fun page da Academia Ubatuba Outdoor Fitness e fique por dentro. Até a próxima aventura.

FoToS: FaBiana FeRReiRa e Paulo BaRBoSa DoS SanToS

66 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


esporte

papo rápido

Maria Bernadete eliziário Ela começou no atletismo por necessidade, apaixonou-se pela modalidade e hoje coleciona medalhas e recordes. Conheça dona Maria Bernadete, um exemplo de que nunca é tarde para abraçar o esporte

a

Por Ronaldo Casarin

conversa calma e o jeito simples de maria Bernadete eliziário, 67 anos, podem não demonstrar claramente o que esta senhora de Taubaté já realizou em poucos anos de prática do atletismo. começou a correr por necessidade de saúde, e uma vez nas pistas, descobriu-se uma multicampeã. o mais recente título foi o ouro no revezamento 4x100, no campeonato Brasileiro de atletismo máster, realizado em 30 e 31 de junho e 1º de julho em João Pessoa-PB. Batemos um papo rápido com a velocista, confira.

mês depois já participei de minha primeira competição, em Pindamonhangaba, nos Jogos Regionais do idoso, onde peguei uma medalha de bronze. Depois foram várias competições.

Como a senhora iniciou no atletismo? M.B.E. - Pratico desde os 59 anos. comecei porque estava engordando muito, fui ao médico e ele me recomendou uma dieta, e em três meses perdi 9 quilos. ele me recomendou também fazer exercício físico. Primeiro ele me disse para fazer caminhada, mas eu preferi correr, gostei e o médico aprovou. assim fui praticando corrida, e um

Sua última conquista foi no Campeonato Brasileiro. A senhora teve outros bons resultados por lá? M.B.E. - Sim, no campeonato Brasileiro de João Pessoa competi nas provas de 100m, 200m, 400m, e revezamentos 4x100 e 4x400m. Fui ouro no revezamento 4x100, prata nos 200m e nos 400m, e bronze nos 100m.

Agosto, 2014

Como é a sua rotina de treinos? M.B.E. - Treino todos os dias por cerca de 40 minutos. meu técnico é o zildo Bueno, que me ajudou desde o começo na pista da cTi, em Taubaté. Hoje o professor caetano, da prefeitura de Taubaté, também me orienta.

A senhora, apesar de ter iniciado tarde no atletismo, tem várias competições internacionais no currículo já, não é? M.B.E. - Sim, estive no campeonato mundial de masters em Porto alegre no ano passado, onde junto com minhas colegas batemos o recorde sulamericano da prova em nossa categoria. Já disputei campeonatos sulamericanos no Peru e no chile também. estou me preparando já para o próximo mundial. no total tenho 125 medalhas conquistadas. Como a senhora faz para bancar viagens? É tudo do seu próprio bolso? M.B.E. - muitas vezes eu paguei do bolso para viajar. agora a prefeitura de Taubaté ajuda nas viagens, facilita bastante. Pretende correr até quando? M.B.E. - engraçado que ninguém na minha família gosta de esportes, só eu mesmo. Quero correr até quando as pernas aguentarem. não tenho data para parar. revistavitti.com.br | Vitti | 67


Social São José dos campos

ATITUDe NeWS

Por gilberto Freitas gilfreitasff@hotmail.com

Felipe augusto Tamegao, Bruno Florencio e Paulinha mendes no anexo da nena.

margarete Sato e ingrid costa em palestra de carlos abranches no Teatro colinas. magali Raymundi e mariana lobo visitam a casacor 2014 à convite da celmar mais, de SJc.

Paulo Fernandes e Rosane carneiro na reinauguração do mondrian Gourmet. christian Dantas vieira, marcelo midorikawa e Danilo ming em tarde de torcida organizada do Polo vale Decor.

amélia Kodama inaugura mais uma colcci, agora no centervale Shopping. maíra catanzano, natália cruz e Júlia oliveira no Pub Dunluce, em São José dos campos.

Dodo ninas, Tony carvalho e Renata valin no show de Jads e Jadson, na estância nativa Sertaneja.

68 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 69


Social São José dos campos

cIRcUlANDo

Por Marilda Serrano marildavlserrano@uol.com.br

FoToS: anTonio caSSYo

claudia Métne e Marilda serrano

Danielle Métne, gisa Delgado, roberto bijus, claudia Métne, sergio schildt e neusa Métne

Will rogers, Marilda serrano e glorinha cohen Fabrizzio giannone (jóias) e cecilia bourdon da Fruit de la passion

glorinha cohen, claudia Métne, adelina alcantara Machado e paulette pink

maRcoS maRQueS

Desfile Fruit de la Passion (luxury lingerie) com jóias de Fabrizio Giannone, na casa cor 2014. a Produção foi de cmm Fashio (claudia métene).

a produtora de moda claudia métne recebeu em seu belíssimo apartamento amigos e colunáveis para comemorar seu aniversário com o título “mulher que Brilha“. Todos os convidados receberam um anel cravejado de cristais com um cartão de agradecimento. veja alguns vips que passaram por lá.

gustavo bondesan antônio paiva Diniz, Maria augusta Diniz e eduardo augusto Fagundes

Osny telles Orselli, luciana rene padial, elaine De Maria e vera resende conselho Diretor do Rotary club São José dos campos Sul tomou posse no dia 8 de julho na casa da amizade para o biênio 2014/2015. 70 | Vitti | revistavitti.com.br

o público lotou o centervale Shopping para a inauguração da primeira loja especializada em celulares na região do vale do Paraíba. o evento realizado pela lG electronics Brasil contou com a presença do presidente nacional da marca, cesar Byun, do vice-presidente da fábrica da lG em Taubaté, Howard Seo, e do diretor geral da loja, o empresário Rodinei isquierdo. a inauguração contou com a presença da apresentadora e atriz Karina Bacchi, que tirou fotos com o público. Agosto, 2014


Saúde

Boa Notícia

Cientistas estão mais perto de diagnosticar Alzheimer em teste de sangue

E

Da Redação

specialistas britânicos identificaram proteínas sanguíneas em pacientes diagnosticados posteriormente com Alzheimer, aumentando a esperança de que um teste possa ajudar na procura de tratamento para a doença. Atualmente, não há cura para o Alzheimer, a forma mais comum de demência, que afeta 44 milhões de pessoas em todo o mundo, um número que poderá triplicar até 2050, de acordo com estimativas da Alzheimer's Disease International. No Brasil, estima-se que 1 milhão e 200 mil pessoas sofram com a doença. Em razão do envelhecimento da população global, esses números aumentarão significativamente, em 2030, serão 65,7 milhões e em 2050, 115.4 milhões de portadores, sendo dois terços deles em países em desenvolvimento.

Agosto, 2014

Um teste para diagnosticar a doença na sua fase inicial permitiria aos pesquisadores monitorar os pacientes antes de atingirem um estágio mais avançado, contribuindo para a descoberta de cura. O estudo publicado na Alzheimer's & Dementia analisou 220 doentes com ligeiros problemas cognitivos. Os investigadores identificaram dez proteínas que estavam presentes no sangue de 87% dos pacientes analisados, que foram, no espaço de um ano, diagnosticados com Alzheimer. “Muitos dos nossos testes com fármacos falharam porque quando eram administrados aos pacientes o seu cérebro já estava gravemente afetado”, disse o professor de neurociência da Universidade de Oxford, Simon Lovestone, que liderou o estudo no King's College de Londres. “Uma simples análise do sangue poderia ajudar-nos a identificar, em uma fase precoce, os pacientes, que serão submeti-

dos depois a novos testes, e, possivelmente, a desenvolver novos tratamentos para prevenir o avanço da doença. O próximo passo será validar as descobertas em futuras séries de amostras”, acrescentou. Doença ainda é um dos grande enigmas da ciência Não se conhece exatamente qual é a causa da doença de Alzheimer. O que os cientistas que estudam este mal sabem é que a doença desenvolve-se como resultado de uma série de eventos complexos que ocorrem no interior do cérebro. Apesar das causas exatas da doença de Alzheimer ainda não estejam completamente esclarecidas, alguns pesquisadores sugerem que traumas cranianos repetidos, especialmente os com perda da consciência no passado, processos inflamatórios cerebrais e o chamado “stress oxidativo” podem estar envolvidos na causa da doença. revistavitti.com.br | Vitti | 71


Perfil

N

Por João Carlos de Faria Fotos Luciano Coca

uma terra como São Luiz do Paraitinga, onde seres estranhos povoam a imaginação popular, ter uma figura como Ditão Virgílio é um fato que quase normal se ele não fosse um ‘saciólogo’, título inusitado, concedido somente a quem é profundo conhecedor de sacis. E ele não só estuda como acredita piamente na existência deles e se ocupa, de vez em quando, em caçá-los nos bambuzais que encontra à beira das estradinhas terra. “O saci existe sim. Existe sim na imaginação, no rodamoinho”, garante. Na verdade, Ditão Virgílio foi batizado Benedito dos Santos. Tornou-se Ditão pelo tamanho e Virgílio, por que esse era para ser o seu nome quando nasceu, em homenagem ao pai, que assim se chamava. A parteira, no entanto, pediu proteção a São Benedito para salvar o menino de uma complicação do parto e prometeu que ele se chamaria Benedito. Nascido há 60 anos, no bairro Bom Retiro, onde mora até hoje, Ditão sempre viveu na roça e tem o costume de ouvir muito rádio, desde que era criança. Lembra-se especialmente das músicas sertanejas e de duplas como Tonico e Tinoco, Canário e Passarinho, Liu e Léu, Zilo e Zalo, e muitas outras que tocavam na rádio Nacional. Aos sete, oito anos, ele também ouvia, em meio às modas de viola, declamadores que contavam estórias em versos, às vezes introduzindo uma música. “A verdadeira música sertaneja geralmente começa com uma declamação”, destaca. E assim, juntando o que ouvia no rádio com o dom que já trazia consigo, é que foi aprendendo. Aos sete anos, lembra-se que socorreu o irmão mais velho que precisava decorar uns versos para declamar na escola, mas a véspera, ainda não havia conseguido. “Decorei de um dia para o outro e fui lá declamar”, conta. Era comemoração da Independência do Brasil e Ditão Virgílio disse os versos na ponta da língua e ainda os guarda na cabeça, cinquenta e poucos anos depois. Os versos de Ditão Virgílio sempre en-

72 | Vitti | revistavitti.com.br

Ditão Virgílio Um caipira contador de causos

focaram o universo rural e inspirados nos contadores de estória, que eram muitos naquela época. Ele ia fazendo seus versos e guardava-os na memória para, anos mais tarde, os resgatar e registrar em cordéis. “Normalmente na sexta-feira à noite, à luz de lampião feito de canudo de bambu e aceso com querosene, andávamos três, quatro quilômetros para ouvir as estórias dos contadores de causos. Na volta, lá pela meia noite, na metade do caminho acabava o querosene e tudo ficava escuro e a gente via mula sem cabeça e muitas outras assombrações.”.

Aos 16 anos, ele já era palhaço da folia de reis, como ainda é até os dias de hoje, e também ouvia muito os versos de grandes mestres e já nessa época começou a se preocupar com a necessidade de guardar o que ouvia deles. “Os mais velhos iam morrendo e se não houvesse alguém que fizesse esse registro, histórias maravilhosas iriam se perder. Foi assim que comecei a contá-las e a registrá-las, mas as primeiras publicações só ocorreram há pouco tempo, quando chegaram os recursos da informática e da Internet. Comecei a notar que com um pouquinho Ditão descreve a situação em versos: de dinheiro conseguia fazer os meus cordéis”. “À noite junta a família começa a contar estória Depois recorreu aos editais De saci e ‘lobisome’, de corpo seco e caipora do Pronac, programa de incentiA gente fica com medo, na hora de ir embora. vo cultural do governo paulista Quando ouve um barulho lá na curva do caminho e publicou três livros, além dos O medo faz a gente encolher e ficar pequenininho 124 cordéis já publicados, de um Com o corpo arrepiado, quase cheio de espinho” total de 365, um para cada dia do ano, como pretende atingir. Ter nascido em São Luiz do ParaitinNa maioria, a temática invariavelmente é ga representa uma grande contribuição o saci e seus amigos, personagens conhepara que Ditão se revelasse. “Nossa cidacidos do folclore luizense e regional, mas de tem a mão de Deus sobre ela. Em cada o mais vendido foi o que ele registrou a canto, em cada esquina tem um verso, enchente de 2010. Esse já vendeu mais de uma viola, um violão. Aqui é meu unicinco mil exemplares. verso: a roça, o trabalho, a vida rural e a “O saci é a figura central. Na roça, sorte de ter tido o rádio para ouvir algutudo que acontece é o saci que faz. Todo ma coisa, quando ainda era moleque são mundo tem o saci dentro de si e ele está coisas importantes na minha vida”. presente pelo seu espírito brincalhão. Agosto, 2014


Quer prova maior da existência do saci do que as crinas de cavalo, trançadas por ele e que ninguém consegue desfazer os nós?”, pergunta o saciólogo. Monteiro Lobato, segundo Ditão, não é o “inventor” do saci, mas foi quem o perpetuou. O saci, segundo ele, existe desde o começo do mundo e há uma suposta pesquisa citada por ele, que aponta que 22% dos brasileiros acreditam em saci.

Agosto, 2014

“Os outros não viram porque ele (o saci) não aparece para qualquer um mesmo”. E foi por causa desse neguinho - que teria apenas a perna esquerda e a mão furada para passar a brasa de um lado para o outro - que Ditão ganhou de presente, num domingo de julho, quando, em rede nacional, Rolando Boldrin, declamou uma poesia dele, no “Senhor Brasil”, durante especial sobre São Luiz do Paraitinga. Porca de Sete Leitões Ditão fala ainda da porca de sete leitões que, segundo ele, corre atrás de homem casado que fica andando pela rua até muito tarde da noite. A porca teria surgido quando uma mulher abortou sete filhos e os enterrou sem serem batizados. Hoje, conforme a lenda, eles saem atrás dela andando pelas estradas. Cordel caipira A especialidade de Ditão Virgílio são os versos, uma espécie de “cordel caipira”, do qual garante ser o mais legítimo representante, mas ele também é um grande contador de estórias, que tem o título de Mestre da Cultura Popular, concedido pelo Ministério da Cultura e hoje viaja pelo Estado todo conversando com plateias diversificadas. “Contar e registrar as estórias foi a forma que encontrei para mantê-las vivas e colocá-las em verso facilita gravar na memória, mais que em prosa. Em verso eu acho muito mais bonito. É uma magia

que atrai mais as pessoas”. As crianças são as mais empolgadas: ficam maravilhadas e com os olhos brilhando quando ele fala do saci, do lobisomem da mula sem cabeça, ou quando faz uma poesia com o linguajar do caipira. “Elas ficam admiradas, quando conto que os índios tinham dificuldade de falar certas letras, mas que houve uma ordem do rei para que os colonizadores dessem um jeito de entende-los. Surgiu então o dialeto caipira e por isso o jeito de falar do caipira não está errado. Ele apenas fala diferente”. Mas os adultos que ouvem as estórias de Ditão Virgílio invariavelmente também se emocionam, voltam às suas origens. “Na festa do Divino desse ano comecei a falar na praça e contar estórias. Vi muita gente chorando e depois, muitas dessas pessoas vieram falar comigo. É gente que nasceu na roça e foi embora para a cidade e aí relembram suas raízes, lembram da roça. É bom saber que posso atingir a alma das pessoas”. Com a facilidade em fazer versos e vivendo numa terra de alma musical como São Luiz do Paraitinga, é natural que Ditão se interessasse também pelas marchinhas. Ele comanda o bloco do Caeté, cujo tema musical é de sua autoria e já participou e ganhou prêmios em várias edições dos festivais de marchinha realizados na cidade. “Tenho muitos parceiros. Gosto da criação coletiva, dessa coisa de fazer um mutirão, onde todos participam”, afirma.

revistavitti.com.br | Vitti | 73


Social lorena

Por Peter Iote

FoTo: WeSleY menDeS

loReNA

o belo casal de futuros arquitetos Daniel Prestes e Heloisa Batista na entrega do Prêmio vale Sustentável. o curso de arquitetura da Fatea ganhou o 1º lugar na categoria Responsabilidade Social com o projeto realizado no lar de idosos vila vicentina, em lorena. certamente serão profissionais conscientes da importância de fazer o bem. Parabéns ao casal e a todos que se empenharam neste sonho.

a doutora lorane Bustamante em um bucólico entardecer em Éfeso, na Turquia. 74 | Vitti | revistavitti.com.br

a publicitária Sabrina espíndola e o futuro engenheiro Diego Gonzaga em um click mais que especial. o belo casal proporcionou uma linda recepção aos amigos, certamente esta data ficará para sempre guardada na mente e coração de todos. Felicidades aos noivos!

a aniversariante Tereza antero (ao centro) comemorou rodeada de amigas essa data mais que especial. entre elas, Terezinha maciel (à esquerda) e Selise Renart. Agosto, 2014


Livros

Dicas de Leitura Por Ronaldo Casarin

Pavões Misteriosos: A Explosão da Música Pop no Brasil

Gosto de Batom Valter Petenel Pandorga Editora 184 páginas

E

ste livro mostra a diferença do ego feminino ante o sentimento de rejeição, a visão e o impacto da mulher ao sentir-se trocada no amor por outra pessoa. E o enfrentamento do homem ao defrontar-se com o mesmo problema. Um romance que mostra que na vida e no amor, muitos têm ou são vítimas do preconceito. Alguns evitam, mas todos sabem que em determinado momento terão que enfrentá-lo. Na vida tranquila de uma pequena cidade, Anabela e Cleonice, criadas juntas como irmãs, conhecem Cláudio, homem bem-sucedido e sedutor, envolvendo-as em um tórrido caso de amor. Neste jogo de amor, sexo e sedução eles participam uma relação confusa e cruel. Porém, o tempo cuida de distanciá-los separando-os. Cleonice casa-se com Carlos, um homem de comportamento estranho e frio, enquanto Anabela toca sua vida. Em meio a encontros e desencontros, alegrias, tristezas e muita sensualidade, esta história se desenrola com um desfecho surpreendente e marcante.

Agosto, 2014

André Barcinski - Ed. Três Estrelas

O Discípulo da Madrugada Padre Fábio de Melo Editora Planeta 184 páginas

A

vida espiritual é uma travessia que nunca termina”. Padre Fábio de Melo é um dos grandes expoentes do trabalho da evangelização pela arte em diversas áreas de atuação: como padre, professor universitário, escritor, cantor e compositor. Em “O Discípulo da Madrugada”, seu mais recente livro, Padre Fábio de Melo apresenta um personagem religioso e bem intencionado que tem sua vida modificada ao se tornar amigo de Jesus, antes de presenciar sua crucificação. Ao ouvir a pregação de Jesus Cristo, esse homem sente ruir a estrutura que até então dava sentido à sua vida. Desalojado em si mesmo, ele inicia uma aventura encantadora pelos caminhos da liberdade interior. Um personagem que tem um pouco de todos nós. Ou muito. É preciso observá-lo de perto, pois pode ser que o conheçamos bem. Pode ser até que a identificação seja tão profunda que, sem receios, possamos dizer: este sou eu.

N

ovo livro do jornalista André Barcinski conta a história de um período pouco abordado pela bibliografia musical brasileira: a explosão da cena pop nacional, em meados dos anos 1970. Logo após o Milagre Econômico, a indústria do disco se multiplicou, o público consumidor tornou-se muito maior e mais jovem. Se, até então, a música romântica havia dominado as paradas, a partir de 1973/74 uma nova geração de artistas se tornaria campeã de vendas: Secos e Molhados, Novos Baianos, Raul Seixas, Guilherme Arantes, Frenéticas, Fagner, Gretchen, Rita Lee, Sidney Magal, Ritchie e muitos outros. “Pavões Misteriosos” conta a história de como a música jovem dominou o Brasil, abrindo caminho para a geração do BRock de Legião Urbana, RPM e Ultraje a Rigor. Entre os temas abordados estão o sucesso dos discos de novela, a popularização das rádios FM, a explosão da discoteca no Brasil, o jabá nas rádios e TV, a "invenção" de astros como Sidney Magal e Gretchen, e por que tantos discos bons foram lançados na primeira metade da década de 1970, como "Secos e Molhados", "Gita" (Raul Seixas), "Acabou Chorare" (Novos Baianos), "A Tábua de Esmeralda" (Jorge Ben), "Roberto Carlos", "Carlos, Erasmo" (Erasmo Carlos) e tantos outros. revistavitti.com.br | Vitti | 75


Social Jacareí

JAcAReÍ Não PÁRA

Por edu Rosa

edu@educationabroad.com.br

roberta, carlinho, lili e ricardo claudete Troiano e Prof. edu Rosa em entrevista sobre "intercâmbio cultural".

Jacareienses na 10ª Feijoada do coronel.

Dr. rogério rodrigues e Martha

cleiton com os Romanis - Breno, marcelo e márcio, na Galeteria estância nativa.

Parabéns pelos 15 aninhos, Julia egydio.

clínica de estética Paula ceconi - um sucesso! 76 | Vitti | revistavitti.com.br

paula ceconi

Friends 4ever (adriana chiarello, alda de miranda e Sonia accioly Burlo). Agosto, 2014


música

NA VITRolA olA

Por Maneco Siqueira

H

á exato um ano, em agosto do ano passado, marisa monte subia ao palco da cidade das artes, no Rio de Janeiro, para gravar mais um sucesso. cD e DvD de sua turnê 2012/2013, “verdade uma ilusão”. carioca da gema, nascida em 1967, ela é compositora, produtora musical e cantora das melhores. no espetáculo que vemos e ouvimos, marisa interpreta, das dezessete músicas apresentadas, sete canções de seu último cD “o Que você Quer Saber de verdade”, de 2011. autorias? Boa parte dos amigos Tribalistas marisa, carlinhos Brown e arnaldo antunes. entre elas, na abertura do show, “o Que você Quer Saber de verdade”, “Depois”, “amar alguém” e “verdade, uma ilusão”. Todas com a marca registrada do trio. Belas letras e melodias. e do disco de 2011 tem mais: “Descalço no Parque”, do mestre Jorge Ben Jor, que na minha época tinha era apenas Jorge Ben e o tanguito, apresentado pela primeira vez por marisa na argentina, “lencinho Querido”, ou “el Panuelito”, da dupla Filiberto/Peñaloza, na versão de maugeri neto, que no passado foi teve versão de Haroldo Barbosa para a linda voz de Dalva de oliveira. Também dos Tribalistas, marisa monte canta (sempre tocando violão ou guitarra), a lindíssima “infinito Particular”, “ainda Bem” e “não vá embora”. clássicos. não poderia faltar a singela “ilusão” (ilusión), da mexicana, que adoro e recoAgosto, 2014

Marisa MOnte “verDaDe uMa ilusãO” cD/DvD – universal Music (2014) mendo, Julieta venegas e a italiana “Sono come Tu mi vuoi”, de antonio amurri e Bruno canfona, imortalizada por mina mazzini. os músicos: entre outros, o amigo e vizinho Dadi, ex-novos Baianos, no violão, guitarra e ukelele (aquele cavaquinho havaiano), Dengue no baixo, lucio maia também violão, guitarra e a indiana sitar, o bandoneon (sanfoninha argentina) de lautaro Grecco, bateria de Pupillo e teclados de carlos Trilha. arranjos de marisa monte e banda.

Para completar o DvD, com o showzaço na íntegra, teve a concepção e produção de marisa, com direção de leonardo netto e claudio Torres, cineasta de “Redentor” e “o Homem do Futuro”. Feras da conspiração Filmes. e o cenário, deslumbrante, leva a assinatura de marcelo lipiani. o que mais há para falar desses belos trabalhos de marisa monte? muita coisa. este é apenas um resumo dessa obra que você deve conhecer. Tenho a certeza que vai adorar. revistavitti.com.br | Vitti | 77


Social Sul de minas

SUl De MINAS

Por carlos Moura carlosmourap4@yahoo.com.br

o casal ingrid Guedes e Gustavo Ferreira.

Gabriela mancilha comemora mais um aniversário ao lado da prima maria luiza.

a estudante Fernanda nogueira em viagem à europa, visita o Palacio de versalhes. 78 | Vitti | revistavitti.com.br

acácio mendes de andrade, sua esposa vera andrade e sua fi lha anete. Agosto, 2014


crônica

Era uma vez:

AS MARgARIDAgeNS

D

Por Antonio Silva

ona margarida maria de Brandão medeiros era uma pitoresca senhora que há muito residiu em Passa Quatro. o casarão onde residiu por anos, hoje não existe mais. Tombado não pelo patrimônio histórico, mas pelos anos vividos e pela força do tempo. ela contava sempre muitas histórias de sua terra natal, lá pelos lados de Tiradentes, as quais eram – algumas - reais e outras tantas fantasiosas. Dizia que uma das freiras do convento do Sagrado coração, irmã Rosário, era muito conhecida pelas suas dissimulações, e pelas entrelinhas que saíam das suas palavras ditas e de seus sorrisos dados. Sempre em cima do muro, não emitia opiniões diferentes da maioria, assim como não se manifestava nem contra, nem a favor e como ela mesma dizia “nem muito pelo contrário”. mas ela não era daquelas vai com as outras. era, como dizem aqui em minas, “lisa igual quiabo”. Sempre seu intuito e resultado alcançado era sair-se bem no final. nunca demonstrava quaisquer predileções, embora as tivesse. mas sempre bajulava quem lhe convinha. a todos Agosto, 2014

sempre dava sorrisos e acenos de mãos. e, sempre teatral, não hesitava em fazer dramalhões, inclusive com lágrimas quando julgava oportuna a ocasião. ela nunca falava não, mas nunca afirmava sim, como dizia Dona margarida. como muitas pessoas que conhecemos, irmã Rosário nunca se expunha nem propunha nada que não agradasse a todos, isso é, no final de contas, sempre ficava do seu próprio lado. como era cidadã e freira em sua terra natal, lá mesmo ela votava. contava Dona margarida que, certa vez, na época das eleições os coronéis que disputavam o poder na cidade foram lhe pedir apoio, pois sabiam de sua enorme popularidade. irmã Rosário marcou o horário das visitas. o primeiro chegaria às três da tarde e o outro às sete da noite. Quando o primeiro coronel chegou, ela já estava com o teatro pronto e fingiu estar sob efeitos de uma forte dor no estômago, vinda certamente da ceia da noite anterior regada à leitoa com tutu e couve. Quando chegou o segundo coronel, ela continuou com a peça, mas atordoada pelo barulho das crianças órfãs que estavam literalmente pondo o convento abaixo, ela mandou dizer ao velho que

padecia de uma forte gripe adquirida quando andava ao sereno na noite anterior. como dizia meu avô: o gambá vai tanto ao ninho que uma hora deixa o focinho. os dois coronéis, embora adversários políticos, conversavam ainda que raramente. e eis que ambos entraram juntos na venda de Seu Jorge para fazer campanha e, para mostrar civilidade, sentaram-se juntos e surgiu o assunto da visita à irmã Rosário. no final da história ambos foram falar com irmã Rosário. e ela, saiu-se ligeira quando falou: eu realmente jantei muito ontem e depois fui andar no quintal e me gripei. e, mais uma vez, irmã Rosário saiu-se bem na cena. e ainda ganhou promessas dos dois políticos e disse não poder ajudá-los, pois só fazia campanhas para a Santa madre igreja. apelidamos essas histórias de margaridagens, em homenagem à Dona margarida. Sempre que uma pessoa dissimula, muito sorri ou cumprimenta e gosta de dramas que lhe rendem frutos, está aí feita a margaridagem. Se bem que hoje vemos tantas pessoas como irmã Rosário, com habilidade para sentarem-se no jardim e fazerem tantas margaridagens. revistavitti.com.br | Vitti | 79


Pelo mundo

F

Por Antônio Barbosa Filho

lorença (Itália) - Um pequeno núcleo rural pertencente à Pistóia, na região Toscana, chamado Rocco, abriga um cemitério de um só túmulo. Nele, vigiado por uma chama que nunca se apaga no cume de uma pequena pirâmide de concreto, repousa o "Pracinha de Montese", o soldado desconhecido que simboliza os demais 467 brasileiros mortos na Itália durante a 2ª Guerra Mundial. Quando os restos de todos os integrantes da FEB - Força Expedicionária Brasileira foram transferidos de Pistóia para o Monumento aos Mortos na II Guerra, no Aterro do Flamento, Rio de Janeiro, em 1960, apenas este desconhecido continuou sepultado em Pistóia. E o local, antes um canteiro de pequenas cruzes brancas, tornou-se um belo monumento, que recebe visitantes o ano todo, apesar do complicado acesso por estrada rural pavimentada. Este local tem história muito rica, pois foi resultado de muitos anos de luta do ex-militar brasileiro Miguel Pereira, que decidiu permanecer na Itália ao fim da guerra. A partir de 1947, ele começou a procurar as prefeituras das regiões onde tropas brasileiras haviam lutado, para localizar corpos de soldados brasileiros tombados em combate. Foi assim que, gradativamente, todos foram trazidos para esse terreno nos arredores de Pistóia e, com apoio das Forças Armadas do Brasil e do governo italiano, surgiu o cemitério votivo dos heróis brasileiros. Ali passaram vários anos um total de 462 corpos, dos presumidos 465 expedicionários que não voltaram para o Brasil, entre os 25.334 que cruzaram o oceano para combater o nazi-fascismo. O monumento Projetado pelo arquiteto brasileiro Olavo Redig de Campos, construído pelo engenheiro italiano Luigi Cafiero, o monu-

80 | Vitti | revistavitti.com.br

O Repouso do Herói Brasileiro no Coração da Itália mento consta de um altar elevado, a pira da Chama Eterna, busto do marechal Mascarenhas de Morais, comandante da FEB, um belo espelho d'água com peixes decorativos, atrás do qual ergue-se um muro com as inscrições dos nomes de todos os heróis que um dia ali estiveram sepultados. Ao lado, em vasto terreno, estão placas no gramado, assinalando o lugar de cada sepultura, pontilhados de ciprestes e flores de vários tipos e cores. Um mastro mantém a Bandeira Nacional diariamente hasteada. E na entrada até a pira e o monumento, o visitante passa sobre placas com os nomes das principais batalhas vencidas pelos brasileiros, como Montese e Monte Castelo. O autor do projeto era irmão de outro brasileiro ilustre, hoje injustamente esquecido, o historiador de arte Deoclécio Redig de Campos, que foi diretor-geral dos Museus do Vaticano, onde coordenou a restauração da Pietá, de Michelângelo. (Permitam-me lembrar que nos

“Um mastro mantém

a Bandeira Nacional diariamente hasteada. E na entrada até a pira e o monumento, o visitante passa sobre placas com os nomes das principais batalhas vencidas pelos brasileiros, como Montese e Monte Castelo ” Agosto, 2014


Monumento lembra os pracinhas que tombaram em combate na 2ª Guerra Mundial anos 1970, pela Rádio Difusora Taubaté, entrevistei o prof. Redig de Campos sobre o Museu Didático Estudantil, que estávamos organizando e que depois daria origem à atual Divisão de Museus e Arquivo História da cidade). Assim o arquiteto descreveu alguns pontos da sua obra: "A água é a linha horizontal do longo espelho d'água serena, estática, como as coisas acabadas, como um cálice. Os nomes emergem das águas tranquilas. As águas refletem os nomes

Agosto, 2014

no céu. É a glória dos heróis". O Vale do Paraíba forneceu muitos homens para a FEB, já que a primeira unidade brasileira a desembarcar na Itália foi o 12º Batalhão de Infantaria, de Caçapava, onde a maioria dos jovens da região prestavam serviço militar. Por isso nossas cidades têm ruas com nomes de alguns desses heróis mortos na Europa, e que estiveram sepultados em Pistóia. Olavo Redig encerra seu memorial sobre o Monumento com belas palavras: "A

presença dos vivos é marcada pelo respeito. Um lugar apartado para a glorificação na contemplação. À direita do altar, no lugar de honra, a Bandeira do Brasil e a gratidão da Pátria". Antonio Barbosa Filho é jornalista, autor dos livros "A Bolívia de Evo Morales" e "A Imprensa x Lula". Divide seu tempo entre o Brasil e a Holanda, tendo visitado 31 países nos últimos oito anos. Contato: valepensar@bol.com.br

revistavitti.com.br | Vitti | 81


Social ubatuba

UBATUBA AcoNTece

Por Luiz Felipe Azevedo ubatubacvb@gmail.com

o mês de julho foi marcado pelos festejos da copa, mas em especial pelos eventos que aconteceram por aqui. as festas tradicionais, assim como os badalados agitos foram o destaque das férias de inverno. em paralelo, tivemos mais uma deliciosa temporada do camarão, para o deleite de quem veio curtir a nossa culinária típica.

mais um empreendimento de sucesso na cidade, capitaneado pelo atleta e empresário Fernando mascarenhas.

o artista local adriano em seu ateliê, ao lado de alguns de seus disputados trabalhos.

maRcuS DeRenciuS

Fernando mazza transformou sua empresa em forte referência no mercado local e nacional. o ciclismo está com tudo em ubatuba.

maRcuS DeRenciuS

em um dos eventos mais disputados do ano, a Festa do Branco atraiu muita gente bonita. o empresário ali Smidi, ao lado do organizador da festa leandro e Thiago Favacho. mais uma imagem da deliciosa Festa do Branco. esse grupo veio do vale especialmente para prestigiar o evento.

as tops vanessa e mariana Barioni vieram de Franca para curtir o inverno na praia. 82 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Cinema

Malévola

F

Por Mariane Barros

ilmes contando, de maneiras diferentes, histórias de contos de fada, como aconteceu com Alice no País das Maravilhas e A Branca de Neve, que teve há pouco tempo novas versões, fazem cada vez mais sucesso com o público. Com Malévola, tão esperado filme que conta a história de uma das maiores vilãs dos contos infantis, não foi diferente. Só pela sua protagonista, que não é ninguém menos que Angelina Jolie, já era de se

Agosto, 2014

esperar um grande sucesso. O filme, baseado na história de A Bela Adormecida, foca não a doce princesa, mas sim a história da vilã Malévola, e o porquê dela ter se tornado tão amargurada e má, a ponto de lançar tal feitiço sobre a princesa. O filme é uma delícia, atende senão todas, quase que todas as expectativas. É claro que em filmes assim acabamos esperando que todas as cenas que tinham no desenho também aconteçam na nova produção, mas o melhor é a adaptação e a mudança na história que já estamos tão acostumados.

O filme é um encanto para os olhos, seja com a beleza de Jolie ou com a produção dos cenários e efeitos especiais, que faz com que viajemos junto com a história. Se por vezes acabamos por gostar dos vilões, com Malévola o agrado passa ser ainda maior, visto que por trás da grande vilã existe apenas uma menina que foi machucada por alguém. O filme conta com os mesmos elementos consagrados (como a inesquecível cena onde Malévola aparece sem ser convidada e amaldiçoa a princesa Aurora, o corvo inseparável de Malévola, o dedo espetado, o sono de princesa e o beijo salvador). Malévola passa ainda uma mensagem muito bonita do valor do verdadeiro amor, com a grande mudança no final da história, que vale a pena ser conferida. É o tipo de filme em que assistimos uma vez e queremos ver novamente para prestarmos mais atenção nos detalhes. E se engana quem pensa que é um filme somente infantil. Com certeza, toda pessoa que conheceu a história quando criança deve assistir. Curiosidades Angelina Jolie declarou que se interessou de imediato por interpretar Malévola porque, desde criança, a personagem era sua favorita entre as vilãs da Disney. Além disso, Jolie queria estrelar um filme que seus filhos pudessem ver. Jolie trabalhou bastante com os responsáveis pelo figurino e maquiagem para criar um visual que fosse fiel à versão exibida em A Bela Adormecida. Todos os atores do elenco de Malévola foram contratados tendo por base sua semelhança com os respectivos personagens em A Bela Adormecida. A filha de Angelina Jolie, Vivienne Jolie-Pitt, é quem interpreta a personagem Aurora quando jovem, pois foi a única criança que não teve medo ao ver sua mãe (Jolie) caracterizada como a vilã. Malévola foi lançado nos Estados Unidos em 30 de maio de 2014, mesma data e mês do lançamento de A Bela Adormecida, 55 anos atrás. Mariane Barros é jornalista Contato: marianepbarros@hotmail.com revistavitti.com.br | Vitti | 83


Social ubatuba

VIDA NA PRAIA

Por Alvinho corrêa acunhacorrea@gmail.com

Se você quer fazer sucesso no verão, nada adianta dietas milagrosas, muito menos malhação pesada em 15 dias. Hábitos alimentares mais saudáveis, treinamento contínuo e respeito aos seus limites, e seu sucesso estará garantido. em ubatuba, além da caminhada, corrida na praia e os esportes aquáticos, você tem nas academias o acompanhamento perfeito para manter sua saúde em dia. outdoor Fitness, Spazio, Winner, centro Forte Funcional e cultura corporal são algumas das melhores opções da cidade. outra novidade saudável são os congelados Salgados Fit que manú corrêa está produzindo à base de frango e batata doce com temperos especiais. Ricos em proteína e “carboidrato do bem”, são excelentes pré-treinos.

Rodrigo Fonseca (de vermelho) da centro Forte Funcional com os alunos Diego Gomes (arquitetuba), luciane zanol, luana Scoppetta e Robson Scheffer (madereiro).

equipe de funcional da outdoor Fitness Th iago Pitta (Pitta arquitetura), Paulinho, Gabi, ana Paula, Denise, Paulão e Ruy (Água do mar); agachados, Gustavo e o professor João de carle.

os professores da Winner, Ronaldo, Renato, Guilherme, Saulo e David recepcionando a aluna Thaís na Prova Pedestre Soldado Paulino.

linha de produção dos deliciosos Salgados andré da Spazio entre os competentes Fit congelados que manú corrêa está ven- professores ernely e Waldir. dendo em ubatuba. informações manoocorrea@gmail.com

os surfistas everton Silva, Wesley leite e Philipe chagas do Projeto vida Surf em mais uma sessão de treino com o professor allan Barbério do Studio cultura corporal.

84 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


lançamentos

&

Som

vídeo

Por ronaldo casarin

Mc ralpH – 15 De rap, 30 De viDa cD – inDepenDente (2014)

o

taubateano mc Ralph comemora seus 15 anos de carreira na batalha pelo hip hop com esta ótima coletânea. o cD é a reunião do que de melhor Ralph produziu em seus cinco discos solo, “Do Fundo do Baú”, “Dá-me licença”, ‘os afro Raps”, “lua Branca, céu azul” e “ouve Quem Quer escutar”. São 15 faixas que mostram a versatilidade do artista, que traz para o RaP uma grande variedade de influências, que passam por reggae, Dub, soul, mPB e samba de raiz. a compilação

privilegiou faixas que contaram com participações interessantes, com destaque para os hoje badalados criolo e emicida. mc Ralph também mantêm sua pluralidade no conteúdo de suas letras, que passeiam por diversos temas, que vão desde mensagens politizadas à temas românticos, tudo na dose certa. Destaco as faixas “RaP...”, “intergalático” e “Sintonia”. mc Ralph merece essa celebração dos seus 15 anos de estrada, enfrentados com integridade e a valentia de um artista independente.

contato: www.facebook.com/mcralphmc

aDeus, caMaraDas! - DvD – versátil (2014)

c

hega ao Brasil a inédita minissérie do canal francês aRTe sobre o apogeu e a queda da união Soviética e do bloco comunista, entre os anos de 1975 e 1991. “adeus, camaradas!” vem em versão Digistack com dois DvDs e traz a obra em sua versão integral com mais de cinco horas de duração. Filmado em 12 países da europa, alternando entrevistas, músicas e imagens raras de arquivo, "adeus, camaradas!" oferece um ponto de vista único e plural sobre um dos maiores eventos históricos do século XX: a ascensão e o colapso do império soviético. a direção é do renomado documentarista russo andrei nekrasov, que foi assistente do mestre andrei Tarkóvski, em o Sacrifício. "adeus, camaradas!" é um programa imperdível para professores, pesquisadores, alunos e todos os interessados em conhecer mais sobre esse período fundamental da história da Humanidade. um documentário que tende a mostrar mais o que de ruim a uRSS promoveu, mas sem apelar a um anticomunismo doentio, mais próprio do cinema norte-americano.

cOraÇãO valente - 20º aniversáriO blu-raY – FOx FilMes (2014)

c

lássico épico de 1994, “coração valente” é um marco do cinema norte-americano e transformou o personagem William Wallace em celebridade. a interpretação de mel Gibson é, sem dúvidas, inesquecível e fez deste filme um dos mais importantes de sua tão produtiva carreira. William Wallace, escocês cansado da violência sofrida por seu povo por causa dos ingleses, resolve liderar seus compatriotas numa guerra contra a inglaterra. usando de inteligência e determinação, ele trava várias batalhas com o exército inimigo, apesar da grande inferioridade dos escoceses. o que parece ser um enredo simples, transformou a obra em ícone dos “filmes de guerra”. em 2014, “coração valente” completa 20 anos de lançamento, e os fãs foram presenteados com uma edição luxuosa em Blu-ray, com disco duplo, contendo o filme e muitos extras. De quebra, a caixa traz ainda 6 cartões com cenas do filme, e um livro com o roteiro original. imperdível e indispensável para colecionadores.

86 | Vitti | revistavitti.com.br

Agosto, 2014


Agosto, 2014

revistavitti.com.br | Vitti | 87


VENDA ou LOCAÇÃO?

dlgf

ESTRATÉGIA COMUNICAÇÃO MARKETING

| www.dlgf.com.br

A gente cuida de tudo pra você!

Rua Ubatuba, 154 Jd. das Nações | Taubaté/ SP

www.francoimoveis.net

88 | Vitti | revistavitti.com.br

(12) 3633.8556

EXISTIMOS POR VOCÊ!

Agosto, 2014

Revista Vitti, agosto 2014 Edição n104  

Capa desta edição, Disney da Silva, Rodrigo Hunnicutt e Fábio Freire falam em entrevista exclusiva sobre os 7 anos de atividades da construt...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you