Page 1

Nº 506

ANO■ 42

M A I O / 2 0 1 7

Indústria

Tecnologia

TECNOLOGIA INDÚSTRIA & TECNOLOGIA 14

Documentação digital, EcoDocu, da Dürr

17

Fotos: Perfor

Serra copo, da Dewalt

.com.br

O MAIOR BUSCADOR INDUSTRIAL DO BRASIL


EDITORIAL

Brasil não é para fracos

N

em amadores, nem pessoas de espíritos frágeis. Quando a situação estava se acalmando e o país voltando a caminhar, devagar, mas caminhando, pronto, mais um susto. Aliás, mais do que um susto, fatos que desnorteariam empresários menos preparados. Entretanto, o Brasil segue adiante. Ainda desconfiados com os rumos que a nação pode tomar, mas em movimento. O presidente da Abimaq, João Carlos Marchesan, em mensagem de maio, antes de todas as ações divulgadas em meados do mês, afirmava que valia a pena acreditar que o pior já tinha passado e que a vida seguiria em frente, ressaltando as vantagens que a agricultura tem trazido para a economia brasileira e para a indústria de máquinas. Paulo Skaf, presidente da Fiesp e do Sebrae lembrou uma frase dita pelo papa Francisco recentemente: “Precisamos de tempo para compreender, inteligência para buscar o caminho, coragem para seguir adiante e nunca desesperar”. O sentido é muito claro: não se deve desesperar e sempre buscar maneiras de

vencer as dificuldades, porque somos capazes de superar todas adversidades. Afinal, quem faz a diferença é o ser humano. Independentemente de crises e quaisquer obstáculos que surjam, não podemos parar. Precisamos manter nossas empresas vivas, ativas, gerando empregos e renda, mesmo sendo estrangulados pelos excessos de impostos, burocracia e dívidas. E para isso, precisamos de união entre nossos pares e muito, mas muito otimismo. Estamos passando por uma verdadeira provação e a consequência que antevemos disso tudo é que sairemos mais fortes. Aprenderemos novas tecnologias, faremos novas fusões e associações, mas sobreviveremos. Nós, de nossa parte, lembramos que não adianta sermos positivos, otimistas. Precisamos que todos acreditem também e principalmente que nos apoiem. A é sua revista técnica, que se preocupa em publicar as atualidades dos setores envolvidos e também muitos produtos técnicos por edição. Sugestões, críticas, fiquem à vontade: a Revista é sua. Boa leitura.

Precisamos de tempo para compreender, inteligência para buscar o caminho, coragem para seguir adiante e nunca desesperar

Cecilia Borges | EDITORA-CHEFE

Indústria & Tecnologia

3


Indústria Tecnologia

SUMÁRIO

12

INDÚSTRIA & TECNOLOGIA

16

NOVIDADE FESTO, PORTAL T – EXCT 15

14

SERRA COPO, DA DEWALT

15

CONDULETES, DA TRAMONTINA

17

ACONTECE NA INDÚSTRIA

NOVO GERENTE DE SOLDAGEM NA FRONIUS

A Dewalt, fabricante de ferramentas elétricas voltadas para o uso industrial, está lançando uma serra copo especial para o mercado da América Latina

Conduletes fabricados pela Tramontina são fáceis de instalar, resistentes, seguros, econômicos e ainda facilitam a manutenção

A Festo, multinacional alemã de automação industrial, apresenta como lançamento o novo Portal T – EXCT – 15

ECODOCU, DA DURR Eficiência operacional do sistema ampliada com a documentação digital

NOVIDADE PARA OS FABRICANTES DE TINTAS

Evonik inova processo de fabricação do Aerosil e elimina uma etapa na produção de tintas

11

ANÁLISE SETORIAL

... estamos investindo todo o tempo em recursos disponíveis para consolidarmos a estrutura da operação no Brasil e assim estarmos em condição de aproveitarmos ao máximo o crescimento que está por vir.

4

Indústria & Tecnologia

A empresa anuncia Claudio Sá como novo executivo responsável pela área de soldagem na companhia

A DIREÇÃO DA VULKAN

Estes dois últimos anos de dificuldades econômicas evidenciaram a necessidade de novos caminhos para a sobrevivência das indústrias. Uma das soluções foi ampliar a participação de negócios em outros países. Foi o que fez a Vulkan. No comando das estratégias e decisões, o CEO, Klaus F. Hepp

6 AGENDA

METALÚRGICA CECIL AMPLIA PRODUÇÃO DE ARAMES DE LATÃO

A Cecil, metalúrgicas de cobre, anuncia expansão em sua produção de arames de latão, com o objetivo de explorar novos mercados

SAÍDA PARA OS ANOS DIFÍCEIS DA SIDERURGIA

Este artigo foi enviado por Paulo Seabra, diretor Geral América do Sul, da NLMK South America Sales e nele, afirma que o Brasil ainda é visto como uma economia viável, na qual quer estar presente, tanto por tamanho, por estar entre as 10 maiores economias do mundo, além do crescente interesse do país em aços especiais, que é a grande expertise da empresa

A N O 42

ESPECIAL

SEÇÕES

10

Nº 506

8

DESTAQUES DO MÊS

8

HOME PAGES

9 CATÁLOGOS

MAIO/2017


IndĂşstria & Tecnologia ? 5


NOTAS TÉCNICAS

?

AGENDA MORSA MECĂ‚NICA ANGULAR

FEIRAS E CONGRESSOS NO BRASIL 2017 EVENTO

DATA

LOCAL

ORGANIZAĂ‡ĂƒO

3ÂŞ Feira Mundial da IndĂşstria de ImpressĂŁo 3D

05 a 06/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

http://inside3dprintingbrasil.com.br

16ÂŞ Feira Internacional de MĂĄquinasFerramenta e Sistemas Integrados de Manufatura

06 a 10/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

http://www.feimafe.com.br

2ª Exposição Internacional de Gestão de à gua, Resíduos, Ar e Energia

07 a 09/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

http://www.bwexpo.com.br

3ª Feira de Edificaçþes & Obras de Infraestrutura

07 a 09/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

http://www.constructionexpo.com.br

LOCAL

ORGANIZAĂ‡ĂƒO

FEIRAS E CONGRESSOS NO EXTERIOR EVENTO

DATA

Fithep - Expo Alimentação 2017

05 a 08/06/2017

Buenos Aires (Argentina)

http://www.fithep-expoalimentaria.com

CWC’s 14th Annual World LNG & Gas Series: Americas Summit & Exhibition

20 a 23/06/2017

Houston (EUA)

http://lngamericas.cwclng.com

Exposição de Equipamentos MÊdicos 2017

28 a 30/07/2017

Chennai (Ă?ndia)

http://www.medicall.in

Interpol Mundial

05 a 07/07/2017

Cingapura (Cingapura)

http://www.mpinetwork.com

LOCAL

ORGANIZAĂ‡ĂƒO E INFORMAÇÕES

CURSOS PROFISSIONALIZANTES JUNHO DE 2017

DATA

Desenvolvendo Equipe Comprometida AtravÊs da Delegação

06/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

Abimaq Tel.: (11) 5582-6321/6313

Como Otimizar Processos Financeiro?

09/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

Abimaq Abimaq Tel.: (11) 5582-6321/6313

GestĂŁo de indicadores financeiros

21/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

Minder Tel.: (11) 5111-8220

Governança, Risco e Compliance

22/06/2017

SĂŁo Paulo - SP

Portal de Auditoria Tel.: (41) 3068-67-8

Para divulgar cursos, seminĂĄrios e palestras, mande um email com data, local e dados do promotor do evento para cecilia@vitrinesdececilia.com.br e publicidade@banas.com.br

O modelo MU ĂŠ uma morsa mecânica angular que possui suporte esfĂŠrico em aço tratado termicamente e retificado em toda a superfĂ­cie. Na parte superior ele ĂŠ gravado de 0 a 180Âş e no sentido vertical, de 0 a 45Âş. Com um movimento da trava lateral hĂĄ possibilidade de bloquear o suporte esfĂŠrico e, dessa maneira, obter uma terceira angulação em relação ao plano superior. O modelo possui o fuso com rosca trapezoidal em aço ternĂĄrio de elevada resistĂŞncia ao desgaste e Ă s açþes de compressĂŁo. Ele possui ainda porca de fuso em aço temperado e mordentes com ranhuras, cementados, temperados e retificados, alĂŠm de possuĂ­rem 87 mm de largura e 20 mm de altura. A morsa oferece uma abertura de 85 mm, altura total de 158 mm, comprimento total de 260 e distância entre furos de 220 mm. PREVISĂƒO Ind. e ComĂŠrcio de Presilhas Ltda. Tel.: (11) 5511-2168. Site: www.previsao.ind.br

REBOLO VITRIFICADO

A Mira Ice Ê uma linha de produtos que permite obter melhores resultados em relação à economia, eficiência e redução da geração de calor no processo de retificação de perfil de engrenagem. Para tanto, são utilizados grãos de qualidade e com nova geometria, alÊm de um novo sistema de liga de alta resistência. O rebolo, com porosidade aumentada, oferece grandes ciclos de dressagem e curto tempo de retificação com redução de 30%, de maneira que hå diminuição dos custos de processo por peça. AlÊm da melhoria dos parâmetros de performance, o rebolo garante resultado de retificação ideal em todo o tempo de operação no processo de desbaste. TYROLIT do Brasil Ltda. Tel.: (11) 4529-8700. Site: www.tyrolit.com.br

EXPEDIENTE

IndĂşstria Tecnologia Geraldo Banas (1913-1999) Elizabetha Banas (1923-2007) Cristina Banas - Publisher Cecilia Borges - Editora-chefe Tatiana Gomes - Redatora WEB Waldemar TerĂ´ Sato - Redator tĂŠcnico e gerente de Editoração EletrĂ´nica NazarĂŠ Baracho - RevisĂŁo Carine Melhor - Financeiro Patricia BrandĂŁo - CRM - Circulação Luciano Tavares de Lima - Produção ? IndĂşstria & Tecnologia circula junto aos profissionais e executivos envolvidos nos processos de aquisiçþes e especificaçþes de equipamentos, produtos e serviços industriais que atuam em empresas, organizaçþes e entidades que façam parte do mercado industrial. Assinatura anual: R$ 198,00 NĂşmero avulso: R$ 18,00 Assinatura anual no exterior: US$ 250,00 ? INDĂšSTRIA & TECNOLOGIA (ISSN 0103-7481) ĂŠ uma publicação da Editora Banas Ltda. CNPJ 60.432.796/0001-83 I.E. 104.259.747.116, C.C.M. 1.249.632-4 – Protocolada e matriculada sob o nÂş 1.487 do livro “Aâ€? do Registro Civil de Pessoas JurĂ­dicas.

6 ? IndĂşstria & Tecnologia

CIRCULAĂ‡ĂƒO NACIONAL PERIODICIDADE MENSAL TIRAGEM: 40.000 É permitida a divulgação das informaçþes contidas na revista desde que citada a fonte. CANAIS DE COMUNICAĂ‡ĂƒO: Rua Edward Joseph, 122 - 11Âş andar/EdifĂ­cio Passarelli. CEP 05709-020 – SĂŁo Paulo – SP TEL. PABX: (55 11) 3722-0956 Fax: (55 11) 3722-0956 s WWWPSCOMBR s WWWBLOGINDUSTRIALCOMBR s FACEBOOKCOMEDITORABANAS s 4WITTER %DITORA"ANAS s % MAILCECILIA VITRINESDECECILIACOMBR CIRCULAĂ‡ĂƒO 4EL (55 11) 3722-09562AMAIS ASSINATURAS BANASCOMBR COBRANÇA 4EL (55 11) 3722-09562AMAL COBRANCA BANASCOMBR FINANCEIRO 4EL (55 11) 3722-09562AMAL lNANCEIRO BANASCOMBR PRODUĂ‡ĂƒO 4EL   PRODUCAO BANASCOMBR PUBLICIDADE 4EL(55 11) 3722-09562AMAL PUBLICIDADE BANASCOMBR REDAĂ‡ĂƒO 4EL (55 11) 3722-09562AMAIS CECILIA VITRINESDECECILIACOMBR Filiada Ă

FALE COM A REDAĂ‡ĂƒO Se vocĂŞ tiver sugestĂľes de pauta, dĂşvidas ou necessitar de esclarecimentos, mande um e-mail para a seção FALE COM A REDAĂ‡ĂƒO e encontre as soluçþes sobre os mais variados temas que sĂŁo abordados na revista ?. As perguntas devem ser encaminhadas para cecilia@vitrinesdececilia.com.br e publicidade@banas.com.br


NOTAS TÉCNICAS DESTAQUES DO MÊS

DESENTUPIDORA SECCIONAL

Projetada para operar em ambientes de difíceis acessos, a K-60 SP-SE é uma desentupidora portátil que funciona com cabos espirais de ø 5/8” e ø 7/8”, uma condição que permite realizar serviços pesados em tubos de 1 1/2” até 6”. O equipamento funciona com motor de 1/2 HP que gira o cabo a 600 rpm, o que proporciona melhor capacidade de limpeza. No entanto, com apenas um giro do colar a desentupidora pode ser ajustada para cabos de 5/8” ou 7/8”. Esse ajuste possibilita prolongar a vida útil dos mordentes. Além disso, com o propósito de oferecer mais segurança, o funcionamento é imediatamente interrompido no momento em que o cabo da embreagem é solto. Como ela pesa apenas 18,6 kg, o seu transporte pode ser realizado com bastante facilidade.

HOME PAGES

NUNES OLIVEIRA Máquinas e Ferramentas Ltda. Tel.: (11) 3382-0600 Site: www.nunesoliveira.com.br

EQUIPAMENTOS PARA MANUSEIO DE PRODUTOS QUÍMICOS

A Master- Pur StepFG é uma mangueira produzida em poliuretano, aprovada pelo FDA, Food and Drug Administration (EUA), para o uso alimentício e também devido à característica de possuir resistência ao esmagamento. É um produto que, com perfil oco e em forma de espiral, retorna à forma natural mesmo depois de sofrer ações mecânicas de amassamento, sem que ocorra algum dano físico na sua estrutura. Ela possui ainda um filamento-terra recoberto pelo poliuretano que provê um aterramento contra a eletricidade estática. Ela é disponibilizada com ø 50,8 mm a ø 304,8 mm e comprimento-padrão de 7,6 m. A mangueira é também leve, flexível, à prova de deformação, resistente à micróbios, suporta temperatura de -40 ºC a 91 ºC etc. MASTERDUCT Brasil Indústria e Comércio de Dutos. Tel.: (11) 4151-5200 Site: www.masterduct.com.br

MANUTENÇÃO ELETRÔNICA E HIDRÁULICA INDUSTRIAL

A Cepagli oferece serviços de manutenção de válvulas hidráulicas proporcionais com eletrônica embarcada e cartelas amplificadoras de diversas marcas existentes no mercado. A empresa possui condições de testar, ajustar, consertar e recondicionar, além de realizar a recuperação de carcaças e confeccionar carretéis novos com o objetivo de recuperar válvulas desgastadas ou danificadas por cavacos. A Cepagli realiza a manutenção de equipamentos eletrônicos industriais, como os programadores lógicos programáveis, controladores de temperatura, fontes chaveadas, placas dedicadas, placas de entrada e saída tanto as digitais quanto as analógicas, assim como IHMs etc. Ela também projeta, fabrica e fornece maletas de testes para válvulas proporcionais de diversos modelos. CEPAGLI Eletrônica Industrial Tel.: (19) 3886-2257

A Bombetec é uma empresa especializada na fabricação de bombas, bombas-filtro, agitadores, tanques, filtros-prensa e equipamentos apropriados para a manipulação de produtos industriais químicos. Os agitadores-misturadores são fabricados com haste e hélice em aço inox 304 ou 316, revestidos em polipropileno, tefzel ou titânio. As hélices podem ser do tipo naval, com pá inclinada, disco Cawlles, para tambor abre-fecha, contêineres e tipo âncora. As bombas, por sua vez, podem ser dosadoras, aplicadas em tambor para retirada de produtos químicos ou bombonas plásticas, em monobloco para transferência, recirculação etc. Já os filtros-prensa são fabricados com estruturas reforçadas. A empresa disponibiliza também tanques em polipropileno, como, por exemplo, os de preparação com fundo cônico, TFC, ou os levemente inclinados, TFI. BOMBETEC Bombas Químicas Ltda. Tel.: (11) 4044-4546

www.bombetec.com.br

8

MANGUEIRA

Indústria & Tecnologia

VÁLVULA-DIAFRAGMA TUBULAR

Resistente à abrasão e corrosão, a válvula-diagrama tubular da Poligeomeca possui corpo fechado e permite mais segurança, uma vez que evita o contato com as partes móveis. Ela é um registro de controle com fechamento manual que possui revestimento com teflon® na parte interna. Ela pode ser classificada com dimensionais de DN1.1/2” a DN8”, oferece pressão de 150 lbs e possui luva com borracha natural além de extremidades flangeadas. No corpo ela pode utilizar tanto o ASTM-A65-45-12 Gr nodular quanto outros materiais, assim como ligas especiais. Ela é produzida com haste de aço-carbono (SAE 1020), aço inox (AISI 304 ou AISI 316).

POLIGEOMECA Indústria e Comércio Ltda. Tel.: (11) 2955-3333 Site: www.poligeomeca.com.br

CALDEIRARIA E SISTEMAS AUTOLIMPANTES

A Marcfil presta serviços de montagem e caldeiraria com mão de obra qualificada e o melhor da tecnologia aplicado nos produtos fabricados com o propósito de atender ao mercado nacional e internacional. A Marcfil também produz filtros autolimpantes modelo Reverflux, desenvolvidos para melhorar a filtragem, aumentar o tempo de filtragem e diminuir a perda do produto filtrado. Eles possuem um sistema que permite a realização da limpeza sem a necessidade de efetuar a desativação do equipamento. Portanto, esse tipo de filtro é uma unidade automática, projetada para efetivar a remoção de sólidos em suspensão misturados nos líquidos de baixa viscosidade em que a vazão e o fluxo sejam constantes. MARCFIL Equipamentos Industriais Ltda. Tel.: (18) 3279-4257

www.cepagli.com.br

www.marcfil.com.br


CATÁLOGOS TELHAS PARA APLICAÇÕES INDUSTRIAIS

EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS PARA RETÍFICA DE PRECISÃO

O catálogo da Tyrolit apresenta todas as variedades de produtos disponibilizados pela empresa, além daqueles que tratam de retífica de precisão, o que aumenta consideravelmente o portfolio por ela oferecido. As ferramentas estão classificadas conforme as etapas do processo e apresentadas de maneira evidente por meio dos parâmetros considerados importantes, como eficiência, adequação ao material e dimensões. Dessa forma, permite facilitar a procura pela ferramenta adequada, de uma maneira fácil, intuitiva e de acordo com cada uma das aplicações. Podem ser encontradas informações a respeito de ferramentas de corte e desbaste, assim como sobre escovas, retífica de precisão, abrasivos revestidos, máquinas a combustão, máquinas estacionárias, discos de corte etc. TYROLIT do Brasil Ltda. Tel.: (11) 4529-8700. Site: www.tyrolit.com.br

FERRAMENTAS DE CORTE E FRESAGEM

Com uma diversificada linha de produtos, a Color Telha dispõe de telhas termoacústicas com espuma de poliuretano ou isotérmicas com isopor, telhas simples de diversos modelos, como trapezoidais, onduladas, painéis, forros e autoportantes, dobras especiais, calandragens, calhas, rufos e os respectivos acessórios, além de produtos elaborados de acordo com as medidas necessárias para o acabamento do telhado. Nas aplicações industriais, a empresa efetua a montagem e manutenção de galpão industrial com telhas em aço galvalume. Nas aplicações prediais, ela dispõe de soluções para construção civil, com destaque para os tapumes modulares, personalizáveis com mais de 20 cores e com a possibilidade de utilizar a logomarca da empresa. E, nas aplicações residenciais, existe a possibilidade de utilizar 20 opções de cores diferentes. COLORTELHA-Telhas Coloridas e Estruturas Ltda. Tel.: (21) 3346-0190 Site: www.colortelha.com.br

Fornecedora global de ferramentas de corte, que são fabricadas a atender às indústrias metalmecânicas, a Dormer Pramet disponibiliza também uma ampla variedade de produtos para executar a furação, fresamento, torneamento e rosqueamento. Dentre esses produtos, podem ser consideradas as fresas e pastilhas para facejamento, esquadria e cópia; pastilhas de fresagem para esquadria; pastilhas de torneamento para desbaste de aço inoxidável; pastilhas para descascar barras de aço inoxidável etc. Portanto, é uma empresa que atende a mais de 100 países, possui fábricas instaladas na Europa e América do Sul e detentora de uma rede de logística capaz de oferecer um atendimento efetivamente global. DORMER PRAMET Tel.: (11) 5660-3000. Site: www.dormerpramet.com/pt

MÁQUINAS PARA TORNEAMENTO

A Cosa é constituída pela divisão de máquinas CNC que trata de tornos e centros de usinagem; divisão de máquinas afiadoras de ferramentas e divisão de automação, acessórios e dispositivos. O grupo, portanto, fornece diversos modelos de tornos horizontais CNC; centros de torneamento de duas e três torres; centro de torneamento com cabeçote fresador quinto eixo; tornos CNC de grande porte; tornos CNC com ferramentas acionadas e eixo Y; centro de usinagem horizontal; centro de usinagem tipo portal; diversos tipos de centros verticais; centros verticais com quarto eixo no fuso e o quinto, na mesa etc. COSA Intermáquinas Comércio de Máquinas e Equipamentos Ltda. Tel.: (19) 3886-3003. Site: www.cosa.com.br

Indústria & Tecnologia ? 9


?

ACONTECE NA INDÚSTRIA

NOvIDADE pARA OS fAbRICANTES DE TINTAS Evonik inova processo de fabricação do Aerosil e elimina uma etapa na produção de tintas

U

ma inovação no processo de fabricação da sílica pirogênica Aerosil permite aos fabricantes de tintas e revestimentos eliminarem uma etapa inteira da produção. A eliminação da moagem de esferas reduz a utilização de máquinas, o tempo de produção e os custos. A inovação abre a possibilidade de combinar umectação e dispersão – duas etapas que, até agora, eram executadas em sistemas separados (dissolver e moinho de esferas) – em uma única etapa de processo. Após o VP RS 92 ser produzido com sucesso em escala piloto (e está disponível em forma de amostras), o desenvolvimento de outros produtos Aerosil em versões de fácil dispersão está em andamento. A utilização de um moinho de esferas para criar a dispersão perfeita é a etapa de processamento mais desafiadora do ponto de vista técnico e mais onerosa em tempo na fabricação de tintas e revestimentos. O termo “fácil de dispersar” (ou “E2D”, abreviado) foi escolhido para descrever as propriedades únicas desses produtos (i.e., facilmente disperso), que estão agora prontos para amostragem. Com o lançamento do VP RS 92, a Evonik agora dispõe de uma versão E2D

do seu conhecido Aerosil R 972. Medições da distribuição do tamanho das partículas demonstraram haver uma diferença crucial entre os dois produtos da família Aerosil: enquanto o espectro da partícula da versão padrão do produto é dividida em duas frações, o novo processo resulta em somente uma, a fração mais fina. A eliminação das partículas maiores permite aos fabricantes de tintas e revestimentos renunciar aos processos de moagem que envolvem altas forças de cisalhamento (moagem de esferas, por exemplo). Com o objetivo de testar as suas características de processamento, efeitos reológicos e propriedades ópticas dentro de um sistema de revestimento, o produto padrão foi processado usando procedimentos de moagem de esferas

padrão, enquanto o produto experimental foi preparado exclusivamente no dissolver. Os resultados em viscosidade, brilho, turbidez (haze) e profundidade de cor (jetness) estavam todos em acordo e dentro da margem de erro. Também se observou uma redução significativa e absoluta no tempo de processamento, mesmo à medida que o grau de dispersão aumentava. No Brasil, a história da Evonik Industries, começou em 1953. A empresa conta hoje com cerca de 600 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, agroquímico, biodiesel, borracha, construção civil, cosmético, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose, plástico, química e tintas.

NOvO gERENTE DE SOlDAgEm NA fRONIuS A empresa anuncia Claudio Sá como novo executivo responsável pela área de soldagem na companhia

A

Fronius, companhia de alta tecnologia de soldagem no Brasil, anuncia Claudio Sá como seu novo gerente responsável pelo setor. O engenheiro assume o novo cargo, antes ocupado pelo di-

retor-geral da empresa, Roman Huemer, que acumulava as duas funções. Sá é formado em engenharia de produção pela Universidade Nove Julho (Uninove) e pós-graduado em negócios pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Sá tem 17 anos de experiência, – sendo oito anos no segmento de solda – adquiridos em multinacionais como: Saint-Gobain, Delphi, Lincoln e Parker Hannifin. “Meu grande desafio é ampliar a área de atuação da Fronius no Brasil, com alta tecnologia e soluções

inovadores para capacitar e elevar cada vez mais o conhecimento de todo time técnico e comercial ”. A Fronius, que abriu a primeira subsidiária em São Paulo, em 2003, está presente no mundo todo e com uma importante participação na Europa, nas Américas incluindo o Brasil. Em território brasileiro, sua matriz está localizada em Diadema (SP) e dispõe de cinco filiais: São José dos Pinhais (PR), Contagem (MG), Araraquara (SP), Caxias do Sul (RS) e Manaus (AM).

mETAlÚRgICA CECIl AmplIA pRODuçãO DE ARAmES DE lATãO A Cecil, metalúrgica de cobre, anuncia expansão em sua produção de arames de latão,

com o objetivo de explorar novos mercados

E

la já fabrica bobinas, vergalhões e chapas em cobre e latão, mas agora anuncia o resultado de dois anos de investimentos na ampliação da capacidade de produção de arames de cobre e de latão. As iniciativas consistiram na instalação de novas máquinas e novas tecnologias, com o objetivo de ganhar mais espaço em dois grandes mercados nacionais: o elétrico, para fabricação de componentes, e o de vestuário, que utiliza o material para a produção de zíperes e acessórios. Com a capacidade de produção ampliada, a expectativa para 2017 é de duplicar a produção destes arames. A metalúrgica, que agora está instalada em Itapevi, na região metropolitana de São Paulo, começou suas atividades, em 1961, no bairro do Pari,

10 ? Indústria & Tecnologia

na capital paulista, onde permaneceu até 2004. Com capacidade de processamento de mais de 100 mil toneladas/ano, o que equivale ao cobre utilizado na fabricação de 5 milhões de carros, a Cecil é uma das maiores metalúrgicas de cobre do país. Hoje, com processos automatizados, a empresa abastece setores diversos da indústria nacional e do exterior com bobinas, chapas, placas, perfis, tubos, vergalhões, entre outros produtos de cobre e latão. Geradora de mais de 400 empregos diretos, a Cecil tem compromisso com o desenvolvimento sustentável, representado pela adoção de práticas de preservação do meio ambiente, como substituição de energia por

fontes renováveis, gerenciamento de resíduos e utilização de água de reuso em seus processos.


ANÁLISE SETORIAL

Saída para os anos difíceis da siderurgia Este artigo foi enviado por Paulo Seabra, diretor Geral América do Sul, da NLMK South America Sales e nele, afirma que o Brasil ainda é visto como uma economia viável, na qual quer estar presente, tanto por tamanho, por estar entre as 10 maiores economias do mundo, além do crescente interesse do país em aços especiais, que é a grande expertise da empresa

O

ano de 2017 iniciou com uma tendência de avanço do protecionismo no campo internacional, o que resulta em uma previsão de um ano muito difícil para as siderúrgicas. Nos Estados Unidos, o governo Trump aprovou medidas antidumping para produtos siderúrgicos vindos de muitos países europeus, região que tradicionalmente nunca houve a prática do dumping, visto a seriedade que o negócio do aço é tratado nestes países, tais como Bélgica, Alemanha, França e Itália, por exemplo. Isso mostra que a questão está muito mais na esfera política do que técnica. Já no nosso mercado doméstico brasileiro, persiste a instabilidade política e a crise econômica ainda não apresentou sinais de que uma recuperação vigorosa está por vir. E, somente uma forte reação poderá reduzir o grau de ociosidade das indústrias e consequentemente diminuir a ociosidade das siderúrgicas nacionais. As estatísticas mostram que no Brasil o consumo de aço este ano será equivalente ao de 2006, quando houve um consumo de aproximadamente 18,8 milhões de toneladas. As reformas da previdência e trabalhista que estão sendo propostas pelo governo são fundamentais para sanear as contas públicas e impulsionar a retomada da economia. Com a aprovação e implementação das reformas, acredito que a economia deve voltar a crescer de forma mais significativa, assim como deve aumentar fortemente o otimismo e disposição dos empresários e multinacionais em investir no Brasil. Do ponto de vista da empresa, estamos confiantes que este momento de instabilidade política e crise econômica serão superados em breve, esperamos uma retomada da economia de forma lenta e gradual. Neste ínterim, estamos investindo todo o tempo em recursos disponíveis para consolidarmos a estrutura da operação no Brasil e assim estarmos em condição de aproveitarmos ao máximo o crescimento que está por vir. Nossa decisão de entrar no Brasil já estava

tomada mesmo antes da crise se estabelecer, sendo que a efetivação do investimento na abertura de uma operação própria coincidiu com o momento em que a crise se estabelecia. Entretanto, sendo nosso plano de negócios de longo prazo, a crise apenas nos fez tomar as devidas ações para ajustar a operação ao atual cenário, pois no longo prazo o Brasil ainda é visto como uma economia viável na qual a NLMK quer estar presen-

... nosso grupo vem sistematicamente, ao longo dos últimos anos, focando e ampliando o mix de produtos de aços com alto valor agregado, os quais já correspondem por mais de 50% do nosso faturamento anual de aproximadamente 16 milhões de toneladas.

te, tanto por tamanho, por estar entre as 10 maiores economias do mundo, além do crescente interesse do país em aços especiais, que é a nossa grande expertise. Sendo assim, nosso startup no Brasil não foi uma aposta, mas sim uma decisão acertada e planejada. Para superar os desafios econômicos que estamos vivenciando no Brasil, e também em outros mercados mundiais, nosso grupo vem sistematicamente, ao longo dos últimos anos, focando e ampliando o mix de produtos de aços com alto valor agregado, os quais já correspondem por mais de 50% do nosso faturamento anual de aproximadamente 16 milhões de toneladas. Muitas siderúrgicas no mundo, incluindo as brasileiras, persistem com grande foco no aço comercial, de menor valor agregado, o que impacta pouco na nossa operação, razão pela qual a NLMK se posiciona globalmente entre as usinas siderúrgicas com maior índice de capacidade utilizada (superior a 96%) e com maior lucratividade. Outro fator que amplia nossa competitividade é o elevado índice de verticalização que temos pelo fato de possuirmos 100% de autossuficiência em minério de ferro e carvão, gerando aproximadamente 60% da energia que consumimos, além de temos quatro portos próprios para escoar nossa produção. Avaliamos que 2017 continuará sendo um ano muito desafiador para o mercado siderúrgico brasileiro, praticamente uma continuação de 2016 com a expectativa do início de uma tímida recuperação a partir do segundo semestre. O desafio passará sem dúvida nenhuma por uma melhora no cenário econômico e consolidação da estabilidade política no Brasil. O governo necessita estabelecer uma clara agenda positiva para fortalecer a confiança e voltar a gerar empregos. Questões geopolíticas mundiais podem também interferir de forma significativa na nossa economia. Nossos planos para 2017 se concentram em expandir a presença no continente sul-americano, principalmente na costa do pacífico e no norte do Brasil. Indústria & Tecnologia

11


INDÚSTRIA ESPECIAL & TECNOLOGIA

Por Cecilia Borges

A direção da Vulkan Estes dois últimos anos de dificuldades econômicas evidenciaram a necessidade de novos caminhos para a sobrevivência das indústrias. Uma das soluções foi ampliar a participação de negócios em outros países. Foi o que fez a Vulkan. No comando das estratégias e decisões, o CEO, Klaus F. Hepp

Q

ue estranho fascínio exercem as terras estrangeiras, as brasileiras particularmente, nos alemães?Talvez seja a intensidade da luz do sol. Mais do que isso, a duração da luz do dia e o, relativamente, pouco tempo de baixas temperaturas. Isso começou cedo no jovem Klaus Hepp. Ele escolheu a profissão de engenheiro porque sentia uma grande afinidade com tecnologia e também pela atração que o mundo, além da Alemanha, exercia nele. “Eu me interessava muito pelas culturas diferentes”, conta. Ele nasceu em Kaiserslautern, no sudoeste da Alemanha, e se formou em Engenharia Química, na Universidade Técnica de Karlsruhe (atualmente, KIT – Karlsruhe Institute of Technology). “A engenharia química me parecia uma ótima escolha para poder realizar esses dois interesses ao mesmo tempo: a tecnologia e ganhar

Espanha, – resolveu sair da Henkel, a convite de uma empresa alemã como Managing Director da fábrica de autopeças, em Toluca, México. Entre 2006 e 2009, em outra indústria do mesmo ramo, foi promovido a Managing Director, ainda no México. “Lá, eu construí e operei uma fábrica tipo “greenfield”. Comecei como o primeiro funcionário e quando saí de lá para o Brasil, em 2009, tinha 600 funcionários trabalhando numa fábrica com faturamento de 100 milhões de dólares”.

foco no desenvolvimento de novos produtos e expansão das vendas na região toda da América Latina, incluindo México, América Central, o Caribe e toda América do Sul. “Tudo isso durante a maior crise recente da economia do Brasil e com 100% de força própria da empresa brasileira”.

Trajetória ascendente De volta ao Brasil, trabalhou como Interim Manager para empresas alemãs de grande porte e entre 2011 e 2014, foi responsável pela divisão Heat Exchangers do grupo alemão de tecnologia e engenharia GEA, em Franco da Rocha (SP), onde fez

Diversificação Para sobreviver a esse período de crise que assola o país, a Vulkan do Brasil fez todos os ajustes necessários, diversificou a linha de produtos e abriu novos mercados. Os investimentos em pesquisa e desenvolvimento saltaram de 3,5% para 6% em 2017. “Com a adequação dos produtos a padrões mais elevados, a Vulkan do Brasil pode atender aos mercados mais exigentes e oferecer aos seus clientes um portfólio maior de produtos com certifica-

uma reestruturação completa e conseguiu o “turn -around” da empresa. Ao final de 2014, quando o grupo GEA decidiu vender a divisão Heat Exchangers para um fundo privado de capital, ele decidiu sair e assinou contrato como Presidente da empresa brasileira deles com o grupo alemão Vulkan. Na Vulkan do Brasil em Itatiba (SP), fez novamente uma reestruturação completa e – sempre alinhado com o grupo Vulkan – iniciou o processo de uma orientação totalmente nova, incluindo definição e realização de estratégias completamente novas para o fortalecimento e crescimento da empresa. Klaus Hepp justifica o grande sucesso da reinvenção da Vulkan do Brasil, desde 2014, principalmente pela força e pela eficácia das estratégias desenvolvidas – construção de um time diretor muito bom, otimização de todos processos fabris e logísticos,

ções internacionais”, explica Klaus F. Hepp, CEO da Vulkan do Brasil. Ele considera a sua contribuição neste processo a base da sua ampla experiência com reorganização e reorientação de empresas em situações de crise e suportada por sua capacidade analítica e criativa, além da habilidade para selecionar e reunir pessoas com grande talento e caráter e para formar, orientar e motivar equipes de gestores. Os planos para o futuro da Vulkan do Brasil são o fortalecimento da participação no mercado brasileiro, a expansão massiva da atuação comercial nos países da América Latina, a continuação e extensão do nosso rol como Centro de Competência Técnica da divisão industrial Vulkan Drive Tech e a participação ativa da companhia nos projetos de expansão globais do grupo Vulkan.

Com a adequação dos produtos a padrões mais elevados, a Vulkan do Brasil pode atender aos mercados mais exigentes e oferecer aos seus clientes um portfólio maior de produtos com certificações internacionais experiência em países distantes da minha pátria”. Durante os primeiros 18 anos de sua carreira, trabalhou como Engenheiro de Projetos, Gerente de Projetos, Diretor de Engenharia e Diretor Geral de fábricas no grupo multinacional de origem alemão, Henkel. Pela multinacional esteve na Alemanha, na Itália, na França, na Inglaterra, no Brasil e na Espanha, trabalhando nas divisões Adesivos, Química, Cosmética, Detergentes e Tecnologia de Superfícies. “No Brasil, fui responsável como Gerente de Projeto, pela instalação do primeiro reator para a produção de biodiesel, na Henkel do Brasil, na fábrica em Jacarei, no interior de São Paulo, de 1996 até 1998”, lembra. Em 2003, – após 4 anos como Diretor Geral da Fábrica de cosmético La Toja, do grupo Schwarzkopf & Henkel Cosmetics Europe, em La Coruña,

12

Indústria & Tecnologia


INDÚSTRIA & TECNOLOGIA

DEWALT BRASIL

NOTAS TÉCNICAS

MÁQUINA DE ENSAIO BIAXIAL

Serra copo, da Dewalt A Dewalt, fabricante de ferramentas elétricas voltadas para o uso industrial, está lançando uma serra copo especial para o mercado da América Latina

A

Dewalt, marca de ferramentas elétricas continentes, oferecendo uma completa linha para uso industrial, está apresentando de produtos incluindo: furadeiras, marteleao mercado uma serra copo que foi detes, parafusadeiras, serras circulares, serra de senvolvida exclusivamente corte rápido, serra de esquadria, APLICAÇÃO para o mercado latino-americano. O serra de bancada, serra sabre, equipamento é um complemento da serras tico-tico, plainas, chaves NA INDÚSTRIA linha de acessórios Dewalt e é indicade impacto, esmerilhadeiras, s 4RABALHOSEMMETALE do para trabalhos em metal e madeira. moto esmeril, lixadeiras, tupias, madeira Ferramenta fundamental na marcena- s EXTRAIRCAVACOS entalhadeiras, compressores e ria e construção civil em geral, a serra s MONTARPAINÏISELETRÙNICOS uma linha completa de ferracopo tem como finalidade extrair camentas a bateria.

vacos, por exemplo, para passar fios ou tubos entre móveis ou montar painéis eletrônicos. O novo produto da Dewalt é voltado principalmente para instaladores e marceneiros e é confeccionado em aço rápido. A serra copo conta com a qualidade e alta performance de toda a linha de produtos Dewalt. A companhia tem fábricas nos Estados Unidos, México, Brasil, Alemanha, Inglaterra, Itália e China, e há mais de 80 anos marca presença nos cinco

14

Indústria & Tecnologia

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS sCONFECCIONADAEMA ORÉPIDO sINDICADAPARAMARCENARIAE sCONSTRU ÎOCIVIL

www.dewalt.com.br

Usada para realizar ensaios de tração em dois eixos de amostras metálicas, a máquina de ensaio biaxial eletromecânica é equipada com duas estruturas de força a 90º, cada qual com dois fusos de esferas centrais. Ela fornece 250 kN de força máxima de ensaio a uma velocidade máxima de 40 mm/min. Possui fusos de esfera que são movidos por quatro servomotores AC, livres de manutenção, de maneira que é destinado um para cada orientação de carga. Para realizar o testControl são utilizadas duas unidades eletrônicas de medição e controle. PANAMBRA ZWICK Comércio de Máquinas e Equipamentos. Tel.: (11) 3303-6300 Site: www.panambrazwick.com.br

TERMOFORMADORA

Uma máquina recomendada para ser utilizada em pequenas produções, é a termoformadora R 095 da Multivac. Ela pode ser considerada de pequeno porte devido às dimensões reduzidas, ou seja, somente 1,5 m de largura por 3 m de comprimento. No entanto oferece elevado desempenho de produção e qualidade na embalagem. Ela é capaz de produzir automaticamente, por exemplo, embalagens para fatiados de queijo ou frios, com uma operação bastante simples. É necessário apenas que sejam colocados na máquina os blocos de queijo ou frios para que ela realize o fatiamento de acordo com a programação selecionada. Dessa forma, podem ser ajustados a quantidade de fatias, a espessura desejada e o formato de empilhamento. Em seguida, embalá-las com vácuo ou com ATM, atmosfera modificada, que é indicada para fatiados de queijo. MULTIVAC do Brasil

Ltda.Tel.: (19) 3795-0818 Site: www.br.multivac.com/pt


INDÚSTRIA & TECNOLOGIA

NOTAS TÉCNICAS

PLC

O PLC300 é um CLP, controlador lógico programável, que atende às necessidades de interface com o usuário em painéis e máquinas e, ao mesmo tempo, um completo controlador expansível. Embora ele seja compacto, possui excelente custo-benefício, com possibilidade de operar como mestre de rede, por exemplo, CANopen, Modbus- RTU e ethernet Modbus-TCP/IP. Ele oferece alta velocidade de processamento, grande capacidade de memória, cinco portas de comunicação incorporadas e IHM, interface homem-máquina. Possui ainda dez entradas digitais e uma analógica incorporada, nove saídas digitais e uma analógica; entrada de encoder; porta USB para comunicação com computador; memória flash interna; entrada para cartão de memória; 240 telas programadas no máximo pelo usuário etc. WEG S.A. Tel.: (47) 3276-4000. Site: www.weg.net

COLETORES DE DADOS

O modelo RF H19 A tem a opção de utilizar leitor a laser 1D standard (SR) e o RF H19 B, imager 2D e 1D. Ambos são fornecidos pela Syscontrol. Eles têm a classificação IP 54, resistentes a queda de 1,2 m em concreto. São aparelhos que utilizam o sistema operacional Windows Mobile 6.0, possuem porta RF 802.11 b/g, capacidade de armazenamento de dados de 64 MB SDRAM e 512 MB flash, possuem teclado alfanumérico, display de 2,8” TFT LCD backlight de 240 x 320 pixels de resolução e com função touch-screen. A comunicação pode ser realizada por meio da tecnologia WI-FI (RF), bluetooth, GSM/GPRS/EDGE e GPS. SYSCONTROL Automação Industrial Ltda. Tel.: (19) 3272-1333. Site: www.syscontrol.com.br

TRAMONTINA ELETRIK

Conduletes, da Tramontina Conduletes fabricados pela Tramontina são fáceis de instalar, resistentes, seguros, econômicos e ainda facilitam a manutenção

S

em a necessidade de quebrar paredes e ou com emanação de gases não inflamáveis. podendo ser instalados tanto em amFornecida com tampa reversível (com face bientes internos como externos, os conlisa e face antiderrapante), junta de vedação duletes são uma opção eficiente para e parafusos. O IP65 garante um produto à prova de poeira e protegido conobras comerciais como lojas, escoAPLICAÇÃO NA tra jatos de água. las, shopping centers, aeroportos, fábricas, e também para residências. INDÚSTRIA A expertise da Tramontina na fabri- s )NSTALA ÜESEXTERNAS cação de conduletes levou a emprede fábricas sa a ampliar sua linha de caixas com s #ENTROSDEDISTRIBUI ÎO o lançamento de produtos com s -ONTAGEMDE equipamentos elétricos variados Índices de Proteção (IP). Por exemplo, o condulete fixo IP54 é um modelo básico para instalações elétricas aparentes. Caixa disponível com uma a quatro saídas, tendo opções de roscas BSP (tipo gás) e NPT, ou ainda sem rosca. Encontrado nas bitolas de ½” a 4”, com e sem pintura epóxi. A aplicação do Kit de Vedações permite obter o índice de proteção IP54 – ideal para instalações externas. Ou o condulete múltiplo IP54, indicado para projetos que preveem expansão futura, está disponível em dois modelos (X e L), com saídas para cinco diferentes direções. Se uma das CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS saídas não for utilizada, pode ser tampada para posterior expansão. Aqui também o Kit de Ves3EGURAN A dações possibilita a instalação segura em áreas s0RODUTOÌPROVADEPOEIRA externas graças ao sistema IP54. Há também s0ROTEGIDOCONTRAJATOSDEÉGUA a caixa de passagem IP65, recomendada para montagem de equipamentos elétricos em gewww.tramontina.com.br ral e/ou outras ligações em ambientes úmidos

Indústria & Tecnologia

15


INDÚSTRIA & TECNOLOGIA

FESTO BRASIL

NOTAS TÉCNICAS

SOLUÇÕES PLÁSTICAS

Novidade Festo, Portal T – EXCT 15 A Festo, multinacional alemã de automação industrial, apresenta como lançamento o novo Portal T – EXCT – 15

D

e acordo com Flávio Rodrigues, gerente de Marketing da Festo, o produto tem características como maior eficiência energética, precisão, segurança para os operadores e alta confiabilidade. “A previsão para 2017 é lançar novos produtos que aumentem a produtividade do parque fabril de nossos clientes, ampliando nosso portfólio e mantendo o compromisso da Festo com a inovação”, afirma. O executivo destaca o Portal T – EXCT – 15. A linha de manipuladores de alta dinâmica está maior, com o novo tamanho do EXCT. O tamanho 15, complementa a linha de portais “T” como uma opção mais compacta aos outros modelos: tamanho 30 (para cargas de até 3kg) e tamanho 100 (para cargas APLICAÇÃO de até 10kg). NA INDÚSTRIA Uma única correia integra s )NDÞSTRIAAUTOMOTIVA um sistema de oitos polias s )NDÞSTRIADEALIMENTOSE e o movimento sincronibebidas, zado de dois servomotores s %MBALAGENS PLÉSTICOSE garantem um posicionaeletroeletrônicos, e mento rápido e preciso, s 3EGMENTOSQUÓMICO com o máximo de apropetroquímico, tratamento de águas e efluentes, veitamento, eliminando oferecendo produtos tempo morto durante a para a automação de movimentação e atingindo processos. um ciclo de produtividade de até 95 picks/min. A Festo Brasil, com matriz em São Paulo, possui uma equipe de 500 funcionários e um moderno parque fabril de 43 mil m², que além de atender o mercado brasileiro, exporta seus produtos para outras filiais e para a matriz. A empresa abrange todo o território nacional com mais de 130 pontos de atendimento em todos os estados do Brasil, fornecendo

16

Indústria & Tecnologia

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS s-AIORElCIÐNCIA energética, s0RECISÎO s3EGURAN APARAOS operadores e s!LTACONlABILIDADE

soluções completas na área de automação para cerca de 30 mil clientes. Com aproximadamente 40 mil produtos em catálogo e meio milhão de variações possíveis, a Festo Brasil é líder no mercado nacional de automação industrial nos principais segmentos de mercado, tais como: automotivo, alimentos e bebidas, embalagens, plásticos e eletroeletrônicos, além de participar nos segmentos químico, petroquímico, tratamento de águas e efluentes, oferecendo produtos para a automação de processos. Em seus 48 anos no país, já realizou mais de 53 mil projetos. www.festo.com.br

A Rototherm fornece soluções plásticas para o segmento de transporte, armazenamento, processos produtivos etc. Além do mais, ela tem capacidade para o desenvolvimento de peças e componentes personalizados, de acordo com a necessidade do interessado. Ela projeta e desenvolve produtos com PEMD, polietileno de média densidade, que são atóxicos, fáceis de manusear, higienizar, oferecem elevada resistência química e mecânica etc. Dentre os produzidos disponibilizados, a Rototherm fornece baldes, canecos, bandejas, lixeiras, caixas empilháveis, reservatórios, paletes etc.

ROTOTHERM Ind. e Comércio de Plásticos Ltda. Tel.: (47) 3429-8486. Site: www.rototherm.com.br

REFORMA E RETROFITTING

A Cydak atua no segmento de estamparia e desenvolve projetos de reforma e retrofitting de linhas de prensas e processamento de chapas. O serviço de reforma oferecido é completo que abrange tanto a parte elétrica quanto a mecânica, assim como, a hidráulica com modernização de prensas e linhas de corte. São executados testes de força de prensagem com células de carga com aparelho específico em que é incluída a calibração do sistemas de sobrecarga hidráulica. É feito o sincronismo do sistema freio-embreagem com o auxílio de aparelhos específicos com fornecimento de gráficos. É efetuado o remanejamento de máquinas, com análise das condições atuais do equipamento. A empresa realiza também a desmontagem, montagem e colocação em funcionamento de máquinas e equipamentos.

CYDAK do Brasil Ltda. Tel.: (11) 4341-3050. Site: www.cydak.com.br


INDÚSTRIA & TECNOLOGIA

DÜRR BRASIL

EcoDocu, da Durr Eficiência operacional do sistema ampliada com a documentação digital

T

otalmente digitalizado, conectado e interativo, o sistema de documentação inteligente EcoDocu, da Durr, simplifica enormemente os testes iniciais, a operação e a manutenção em uma linha de produção. Todas as informações são armazenadas de ponta a ponta, são fáceis de localizar graças ao sistema de navegação fácil e simples de usar e estão também disponíveis em viagem por meio de APLICAÇÃO um tablet. EcoDocu NA INDÚSTRIA lança as bases para aplicativos Industry s )NDÞSTRIAAUTOMOTIVA 4.0, como manuten- s ,EITURADECØDIGOS12 ção preditiva. A doDASMÉQUINASE cumentação digital s 3ISTEMASESCANEADOS torna mais eficiente os processos envolvidos na operação do sistema, de colocação em funcionamento a pedidos de peças rápidos. Até agora, a documentação técnica de uma linha de pintura, por exemplo, ocupava cerca de 150 fichários. EcoDocu armazena digitalmente essa quantidade substancial de informações em um banco de dados, de modo que está disponível imediatamente em um PC a qualquer momento e em qualquer idioma desejado. EcoDocu estrutura os dados para o usuário em unidades gerenciáveis. As seções principais, como o catálogo de peças, os diagramas de circuito e a documentação real são visíveis no primeiro olhar. Elas também estão intervinculadas para fácil manipulação. Exemplos disso são os pontos de acesso coloridos no diagrama de sistema. Quando um usuário seleciona um desses pontos de acesso, o componente correspondente, como por exemplo

uma plataforma giratória ou uma válvula solenoide, é exibida automaticamente na área de navegação e da lista de peças com a designação correta e o número do material.

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS s4OTALMENTEDIGITALIZADO CONECTADOEINTE RATIVO s3IMPLIlCAENORMEMENTEOSTESTESINICIAIS A OPERA ÎOEAMANUTEN ÎOEMUMALINHADE PRODU ÎO

s4ODASASINFORMA ÜESSÎOARMAZENADASDE PONTAAPONTA s&ÉCEIS DE LOCALIZAR GRA AS AO SISTEMA DE NAVEGA ÎO FÉCIL E SIMPLES DE USAR E ESTÎO TAMBÏMDISPONÓVEISEMVIAGEMPORMEIODE UMTABLET

www.durr-brazil.com/br/

Indústria & Tecnologia

17


?

ÍNDICE

Indústria Tecnologia s Anunciantes s Notas técnicas

ÍNDICE DE EMPRESAS Empresa

Pág.

A AIRWAY ................................................. 3 ALCANTARA MACHADO REED

Empresa

Pág.

MITSUBISHI/ PERFOR ....................... 13

COSA .................................................... 9

MULTIVAC ........................................... 14

Empresa

Pág.

Empresa

P

CYDAK ................................................ 16

ROTOTHERM ...................................... 16

PANAMBRA SWICK-ROELL.............. 16

S

PANAMBRA ZWICK ........................... 14

SCHNEIDER ELECTRIC .................... 15

PEDRO NEUENHAUS .......................... 3

SYSCONTROL.................................... 15

N

DORMER PRAMET .............................. 9

NACHI ................................................... 9

PERFOR/MITSUBISHI ........................ 13

NETZSCH.............................................. 4

PFERD ................................................ 14

NIEHOFF ............................................... 3

POLIGEOMECA.................................... 8

THAMES SIDE .................................... 17

NILKO ................................................... 3

PREVISÃO ............................................ 6

THEODOSIO RANDON ...................... 14

H HDS ..................................................... 16

PERFOR................................................ 5

T/W THERMOVAL ...................................... 17

NUNES OLIVEIRA ............................... 8

R

CEPAGLI ............................................... 8

M

CISER.................................................... 5

MARCFIL .............................................. 8

O

COGNEX .....................................2a capa

MASTERDUCT ..................................... 8

ÔMEGA ................................................. 7

TRAMONTINA PRO....................4a capa

REED EXHIBITIONS ALCANTARA

TYROLIT ............................................ 6/9

MACHADO ..................................3a capa

WEG .................................................... 15

s Anunciantes s Notas técnicas

ÍNDICE DE PRODUTOS

A

L

Durômetros ................................................16

Armários de aço para vestiários ................3 Atenuadores de ruído..................................3 Automação industrial ...................... 3a capa

B

Balanças de fluxo .........................................5 Balanceamentos ...........................................3 .....dinâmicos ................................................3 Bombas .....de fusos ....................................................4 .....de lóbulos tornado ..................................4 .....Nemo........................................................4

E

Elevadores e escadas rolantes ..................13 Endireitadores de fios de aço......................3 Ensacadeiras ................................................5 Equipamentos .....automotivos...........................................13 .....e acessórios para retífica de precisão ..............................................9 .....para empacotamentos e inspeção ..............................................13 .....para manuseio de produtos químicos ..................................................8 Exaustores ....................................................3 .....axiais e centrífugos .................................3

C

Cabines de pintura ......................................3 Caldeiraria e sistemas autolimpantes........8 Ciclones ........................................................3 Coletores de dados ....................................15 Controles .....ambientais ...............................................3 .....de qualidade................................. 3a capa Corte e conformação ........................ 3a capa

D

Desentupidora seccional .............................8 Detector de metais .......................................5 Dosadoras.....................................................5

F

Feiras .....de Máquinas-ferramenta e Sistemas Integrados de Manufatura............................. 3a capa Ferramentas...................................... 3a capa .....de corte e fresagem.................................9 Filtros ...........................................................3 .....de cartuchos ............................................3 .....de mangas ...............................................3 Filtros de mangas e cartuchos ....................3 Fixadores ......................................................5 Funilaria industrial .....................................3

Leitores de código de barras ........... 2a capa Limas rotativas ..........................................14

Indústria Tecnologia

Plastômetros ..............................................16 PLC.............................................................15 Proteção de energia elétrica .....................15

R

M

Mangueira....................................................8 Manutenção eletrônica e hidráulica industrial .................................................8 Máquinas .....de ensaio biaxial ...................................14 .....e equipamentos especiais .....................16 .....hidráulicas para testes em alta velocidade..............................................16 .....para determinação de ductilidade de chapas ...............................................16 .....para torneamento ...................................9 .....servo-hidráulicas ..................................16 .....universais de ensaios ............................16 Minibombas dosadoras...............................4 Morsa mecânica angular ............................6

O

Organizadores modulares ............... 4a capa

P

Pêndulos de impacto .................................16 Pesagem precisa com checkweigher ..........5

DEPARTAMENTO COMERCIAL

Raios X .........................................................5 Rebolo vitrificado ........................................6 Reforma e retrofitting ...............................16 Revestimentos nanocerâmicos ...................5 Robôs ...........................................................9 Robótica e manufatura avançada ...................................... 3a capa Rotores para ventiladores ..........................3

T

Tanques de armazenagens ........................14 Telhas para aplicações industriais .............9 Termoformadora .......................................14 Termopares ..................................................7

V

Válvulas .....-diafragma tubulares .............................8 .....industriais .............................................17 Ventiladores axiais e centrífugos................3 Vibrofones ..................................................16

VISITE NOSSO SITE: www.ps.com.br

Rua Edward Joseph, 122 – 11º andar – Edifício Passarelli Vila Suzana – CEP 05709-020 – São Paulo – SP

REPRESENTANTES INTERNACIONAIS

Tel.: (11) 3722-0956 – Fax: (11) 3722-0956

EUROPA

REPRESENTANTES NACIONAIS

18 ? Indústria & Tecnologia

.....de transporte.........................................13 Sistemas de ventilação ................................3 Softwares de gerenciamento .......................5 Soldagem ........................................... 3a capa Soluções .....de automação industrial ......................13 .....em armazenagem .................................14 .....em sistemas de pesagem.......................17 .....para cervejaria .....................................14 .....para medição e controle de temperatura .......................................7 .....para medição e controle de temperatura ............................ 3a capa .....plásticas .................................................16

S

Serviços .....Balanceamentos dinâmicos de ventiladores .............................................3 .....Funilarias ................................................3 .....Reformas de ventiladores ......................3 .....Sistemas completos de ventilação e exaustão ................................................3 .....Testes estáticos e dinâmicos de materiais...........................................16 Sistemas .....de ar condicionado ...............................13 .....de energia ininterrupta ........................16 .....de exaustão..............................................3 .....de teste automatizados e robotizados .........................................16

AMÉRICA DO SUL

Diretor Comercial: Cristina Banas cristina.banas@banas.com.br Apoio e Comunicação: apoio@banas.com.br EXECUTIVOS DE NEGÓCIOS – GRANDE SÃO PAULO: JOÃO PEDRO DE FREITAS AVERSI Tel.: (11) 3722-0956/98150-0998 NILTON ALVES FEITOSA Tels.: (11) 3722-0956/99554-0155 Vivo 98846-1250 Claro/98790-2566 Tim nilton.feitosa@nvcon.com.br RAJAH CHAHINE Tels.: (11) 3722-0956/98137-5385 ROSÃ GESTÃO DE NEGÓCIOS S/C LTDA. Contato: Wilson Ferreira de Araújo Tel.: (11) 9570-2768 wilsonfa@uol.com.br

Pág.

D

BOMBETEC .......................................... 8

C

Pág.

COLORTELHA...................................... 9

EXHIBITIONS..............................3a capa

B

Empresa

REPRESENTANTE – BRASÍLIA CIN – CENTRO DE IDÉIAS E NEGÓCIOS End.: SRTV/Sul, quadra 701, bloco O, nº. 110, Edifício Multiempresarial, sl. 429, CEP 70340-000 Asa Sul - Brasília - DF Contato: Paulo Tamanaha - Tels.: (61) 3034-3704/3038 REPRESENTANTE – PARANÁ/SANTA CATARINA DOUGLAS GARCIA DA SILVA DGS REPRESENTAÇÃO COMERCIAL Tel.: (41) 3082 - 4070 Cel.: (41) 8898 - 8686 dgsrepresentacoes@gmail.com (novo) REPRESENTANTE – RIO DE JANEIRO FRANCISCO NEVES R. Des. João Claudino Oliveira e Cruz, 50 cj.607 CEP 22793-071 – Rio de Janeiro – RJ Contato: Francisco Neves – banasrj@uol.com.br Tels.: (21) 2269-7760/Cel.: (21) 99943-5530

Grupo Editor/ Publishing Group

ARGENTINA: 15 de Noviembre 2547 – C1261 AAO Capital Federal – Republica Argentina

Tel.: (54-11) 4943-8500 - Fax y Mensajes: (54-11) 4943-8540 - www.edigarnet.com

AMÉRICA DO NORTE Huson International Media 1999 South Bascom Avenue Suite 450 Campbell, CA 95008 Tel (408) 879-6666 Fax (408) 879-6669

New York, NY: Huson International Media 350 Fifth Avenue Suite 4610 New York, NY 10118 Tel: (212) 268-3344 Fax: (212) 268-3355

ENGLAND: London Huson European Media Cambridge House Gogmore Lane, Chertsey Surrey, KT16 9AP England Tel: +44 (0) 1932 564999 Fax: +44 (0) 1932 564998

GERMANY: Munich Huson European Media Agilolfingerstr. 2a D-85609 Aschheim bei München Germany Tel: +49 (0) 89 95002778 Fax: +49 (0) 89 95002779 Campbell, CA


Revista Indústria & Tecnologia/ P&S 506 - Maio  

Revista Indústria & Tecnologia P&S. Novidades e lançamentos do setor industrial. Leia nessa edição as novidades no setor de Tecnologia.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you