Page 1

C I D C O S TA N E T O

CONCEITOS BÁSICOS


SOBRE O AUTOR Cid Costa Neto, natural de Belo Horizonte, formou-se em Artes Plásticas pela Universidade do Estado de Minas Gerais com habilitação em Fotografia. Desde então tem atuado nas áreas de comunicação e publicidade como fotógrafo, diretor de arte, programador visual e diagramador. É editor do blog Resumo Fotográfico e colaborador da Revista FVC. Em 2011 foi um dos vencedores do concurso “Meu Olhar Sobre a Sensualidade”, promovido pelo site Meio Bit e pela Editora iPhoto e recebeu menção honrosa no 11º Concurso Feirense de Fotografia. Para conhecer mais sobre o seu trabalho, acesse: www.cidcostaneto.com.br


SUMÁRIO EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO Câmera .................................................................................... 6 Objetiva ................................................................................... 8 Superfície fotossensível ........................................................ 10 Acessórios ............................................................................. 11 FUNDAMENTOS DA FOTOGRAFIA Abertura ................................................................................ 14 Foco ....................................................................................... 14 Profundidade de campo ....................................................... 15 Velocidade ............................................................................ 16 Sensibilidade ......................................................................... 18 Fotometria ............................................................................ 19 LUZ ........................................................................................ 20 Temperatura de cor .............................................................. 21 COMPOSIÇÃO........................................................................ 22 BIBLIOGRAFIA........................................................................ 25 ÍNDICE DE IMAGENS ............................................................. 26

CAPA Foto de Gary Scott / SXC

w w w. r e s u m o f o t o g r a f i c o . c o m


Apostila de Fotografia Fotografia para Principiantes: Conceitos básicos Autor: Cid Costa Neto Editoração: Resumo Fotográfico Versão: 1.4 Digital Pimeira publicação: Dezembro de 2010 Ultima revisão: Dezembro de 2012 Páginas: 28 2012, Belo Horizonte, MG, Brasil

w w w. r e s u m o f o t o g r a f i c o . c o m


5

INTRODUÇÃO A fotografia, do grego fós (luz) e graphe (desenho), significa literalmente desenhar com a luz. Em termos técnicos, podemos dizer que fotografia é a fixação de uma imagem em uma superfície fotossensível. Esse processo de gravação, no entanto, é conseqüência dos conceitos ópticos estudados desde a Grécia antiga, através da câmara escura, que permitem a convergência de raios de luz para a formação de uma imagem. A partir do material descrito nessa apostila, que serve de apoio às aulas presenciais de fotografia, serão apresentados os conceitos básicos para o domínio dos equipamentos que permitam o registro fotográfico, seja utilizando o filme ou sensor digital como suporte. A parte óptica da fotografia refere-se ao controle da luz que será refletida dentro do aparato câmera e seus conceitos serão sempre os mesmos, uma vez que se baseiam nas leis da Física. Os suportes fotossensíveis, por outro lado, estão em constante alteração - seja através do meio químico ou eletrônico - e por isso, estaremos nos concentrando apenas na primeira parte, que é essencial. A escolha de suporte, portanto, é livre.

w w w. r e s u m o f o t o g r a f i c o . c o m


6

EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO O equipamento fotográfico (câmera) consiste em três elementos básicos que proporcionam a captura da imagem refletida: O corpo (câmera), a lente (objetiva) e a superfície fotossensível (filme fotográfico ou sensor digital).

Câmera O corpo da câmera é onde se aplica o conceito óptico da câmera escura, que consiste numa caixa com um buraco permitindo que a luz de um lugar externo passe pelo orifício e atinja uma superfície interna, onde é reproduzida a imagem invertida do que está do lado de fora. Esse evento já era percebido desde o século 5 A.C na China e também foi observado na Grécia durante o século 4 A.C, pelo filósofo Aristóteles.

Figura 1. Princípio da câmara escura.

A partir desse princípio e da evolução dos suportes fotossensível, a câmara escura deu lugar às câmeras fotográficas com dispositivos que permitem o controle de incidência de luz que formará a imagem, bem como a sua gravação. Nela, estão o sensor (ou filme), o obturador, o visor e os encaixes para objetiva (quando a mesma não é fixa), sapata para flash (ou flash embutido) e outros acessórios. Relação com o olho humano: Analogicamente, a câmera fotográfica corresponde ao funcionamento óptico do olho humano.

Figura 2. Olho humano x Câmera fotográfica


7

Tipos de câmera As câmeras fotográficas podem ser divididas em grupos por diferentes características. · Reflexão prismática (visor paralelo x SLR) · Automação de recursos (automática x manual) · Superfície fotossensível o Filme ou digital o Formato (pequeno ou médio) Atualmente existem três categorias mais comuns de câmeras: Câmera compacta: desenvolvida para a operação simples e normalmente é completamente ou parcialmente automática, proporcionando ajustes pré-determinados para situações específicas. A objetiva desse tipo de câmera não é cambiável, podendo a distância focal ser fixa ou variável. O visor é paralelo, de forma que a imagem vista pelo fotógrafo, não é a mesma que a registrada pela objetiva, o que pode causar um erro de paralaxe.

Figura 4. Câmera reflex s/ objetiva.

Figura 3. Câmera compacta.

Câmera reflex: também denominada SLR pelo termo em inglês Single Lens Reflex, que pode ser traduzido como “Reflexo de única lente”. Ou seja, a imagem vista pelo fotógrafo através do visor, é a mesma refletida pela objetiva da câmera por um espelho pentaprismático. Normalmente, esse tipo de câmera possui ajustes de configuração manuais, exigindo do fotógrafo conhecimento técnico sobre os princípios da fotografia. É robusta e permite, em sua maioria, a troca de objetiva.

Câmera superzoom: também conhecidas como bridge (ponte) são modelos de câmeras digitais que surgiram a partir de 2000 e que combinam as características das câmeras compactas com as reflex. Sua principal característica é a combinação de uma objetiva de longo alcance e de recursos automáticos e manuais em um corpo compacto.

Figura 5. Câmera superzoom.

w w w. r e s u m o f o t o g r a f i c o . c o m

Fotografia para Principiantes: Conceitos básicos  

Apostila de fotografia.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you