Page 1

CAPA


SUMÁRIO Introdução Apresentação da empresa do terceiro setor Apresentação do cliente Análise de microambiente e macroambiente Dados de pesquisa Definição de público-alvo Análise SWOT Planejamento de Campanha Objetivos de marketing Objetivos de Comunicação Objetivos de Campanha Ações Custos e mídia Criação e Produção Gráfica Criação e Produção Audiovisual Referências bibliográficas Anexos

05 06 07 08 13 17 23 26 28 28 29 30 32 40 42 43 44


INTRODUÇÃO A projeto interdisciplinar tem como objetivo ajudar aumentar a visibilidade do trabalho que é feito hoje pelo Coletivo Meninas Mahin. Através de uma reestruturação da marca, sem a perda de sua essência inicial, a equipe de marketing da SUED pretende neste book trazer propostas que possam melhorar seu relacionamento com os clientes e suas empreendedoras. A Tide Setúbal através do Galpão ZL, abrigar empreendedores e através de cursos e oficina pretendem fomentar a inovação e transformar o empreendedorismo. Com isso, foi proposto a consultoria para o Coletivo Meninas Mahin, com o objetivo melhorar a forma de como a marca é vista no mercado. Através de pesquisas, criar um meio sustentável de crescimento e propor reestruturações de mídia, audiovisual e marketing da microempresa. Além da criação de um book completo mostrando dados e propondo melhor forma de exposição da marca, a agência experimental traz também opções de peças off-line e online, criações audiovisuais e insights para a melhora da estratégia do Coletivo para atingimento dos objetivos.

5


Apresentação da empresa do TERCEIRO SETOR

A Fundação Tide Setúbal é uma organização que tem como objetivo incentivar a igualdade social nas periferias urbanas. Para isso, a ONG conta com apoio de agentes da sociedade civil, instituições de pesquisa, Estado e do mercado. Em 2019, o Galpão ZL ( projeto criado pela fundação Tide Setúbal) foi reestruturado e em parceria com a Sociedade Amigos do Jardim Lapenna, formaram um novo espaço onde promovem inovação, transformação e empreendedorismo. O espaço também conta com cursos de gastronomia, ponto de leitura e diversas atividades esportivas, com intuito de desenvolver cidadania e transformar a realidade da periferia.

6


Apresentação do CLIENTE O Coletivo Meninas de Mahin, é uma instituição social que proporciona a fomentação do empreendedorismo da mulher e o combate às desigualdades raciais, através da Feira Afro Meninas Mahin, e suas atividades artesanais, artísticas, esportivas, musicais, literária, oficinas, ações de cidadania, entre outras voltadas às mulheres pretas e de comunidades carentes. O diferencial do coletivo é além de oferecer espaço de feira, onde cada empreendedora possa divulgar e vender seus produtos, oferecem também espaço de diálogos, oficinas cursos e valorização do processo criativo e da produção artesanal de produtos com representatividade.

7


Anรกlise de

MICROAMBIENTE e MACROAMBIENTE

8


Análise de MICROAMBIENTE

O Coletivo Meninas de Mahin, é uma instituição social que proporciona feiras artesanais voltadas às mulheres negras e de comunidades carentes, visto que, possui um propósito de levar a empregabilidade, quebrar o preconceito e representatividade feminina. Dentro da feira além de proporcionar o emprego e renda a essas mulheres, leva também a cultura Brasileira e Africana através das atividades musicais, artísticas, literárias, oficinas e entre outras atividades dentro da feira. O microambiente é composto pelos ambientes internos e externos de uma organização onde engloba-se os mercados. No interno podemos encontrar os funcionários, produção, finanças, vendas, recursos humanos, marketing e etc. Todos esses pontos são variáveis controláveis, na qual o coletivo pode melhorar a todo momento, já no ambiente externo, localizamos o que é incontrolável, porém dependendo do posicionamento também pode afetar a organização

devido ao vínculo que possui, entre eles identificamos os concorrentes, clientes, intermediários e fornecedores. Na análise de microambiente, quando se trata do ambiente interno, percebemos que não há departamentos definidos, as donas do instituto cuidam de toda a parte administrativa, onde uma das membras inclusive é formada em administração e possui vasto conhecimento em empreendedorismo. De modo geral, a comunicação também é feita por elas, onde existe um pequeno investimento em ferramentas de análises e campanhas Google, em torno de 20 a 25 reais, boa parte desse retorno é feito de modo orgânico através do Facebook, Instagram e site institucional das Meninas Mahin. Nessas ferramentas é divulgado os períodos das feiras, novidades, alguns trabalhos das empreendedoras, parcerias, cultura, cidadania e empreendedorismo.

9


Análise de MICROAMBIENTE

O Público são os visitantes da feira e empresas que buscam adquirir os produtos, conhecimentos e interatividade sobre os trabalhos, em vista de trazer a representatividade e agregar valor aos negócios ao adquirir os produtos e espalhar mais sobre a cultura afro-brasileira já que, ela tem ganhado muita força nos últimos anos em nosso país. Segundo a coluna Portal da Cultura Afro-Brasileira, os países que mais tem ganhado força com relação a influência pela cultura africana são os estados de Alagoas, Pernambuco, Maranhão, Bahia, Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Portanto, estima-se que que o público dentro do estado de São Paulo cresça ainda mais com esse grande estímulo diferenciado e competitivo das Meninas Mahin. Por parte dos concorrentes, percebemos que estão relacionados todos os eventos que são voltados a empreendedorismo voltadas as cultura Afro-brasileira dentro da cidade de São Paulo, são eventos onde não são abertos voltados a comunidade em específico e empregabilidade feminina, no entanto, possuem um objetivo relacionado que é trazer mais sobre a cultura, empregabilidade e quebra de preconceitos raciais. Dentro dos concorrentes temos o Empreenda Afro que acontece no Largo do Paissandu, que fica no centro de São Paulo, reunindo mais ou menos de 8 mil pessoas e a Feira Preta, que é um evento maior que acontece no Anhembi todos os anos, totalmente voltado a cultura afro descendente e empreendedorismo. Os fornecedores são todos que auxiliam para que a feira aconteça, então é necessário que contem com montagens das barracas, materiais para estrutura,

alimentação, organização e espaço para a organização do evento, tudo isso permite que entregar valor as clientes e proporcionar um excelente evento. Os intermediários e parceiros de negócios são o TV metrô, parceiros de mídia como Vi Duarte (Influencer e empreendedora), Plano Feminino (Page), Plano de Menina Oficial (Pagina voltada para mulheres e incentivar o protagonismo) e o Cultura Leste (Page voltada a cultura da zona leste de são Paulo), esses parceiros possibilitam que a feira seja mais divulgada na região da zona leste de São Paulo, permitindo que a feira atinja mais localidades da região por meio desse projeto social e trazendo mais visitantes qualificados.

10


Análise de MACROAMBIENTE

A análise de macroambiente engloba tudo que é externo com relação a empresa e ao mercado, como os fatores de tecnológicos, políticos, tributários, econômicos e etc., que podem afeta indiretamente a empresa e fazem toda a diferença quando trata-se de impactos aos negócios. No ambiente demográfico, segundo o IBGE, o município de São Paulo possui em torno de 12.176.866, entre essa parte possui boa parte de composição por homens e mulheres entre 25 a 39 anos, sendo que no geral temos 53.23.385 de homens e 59.20.984 por mulheres. Isso pode significar grandes pontos, somente na Zona leste de São Paulo a quantidade de habitantes são de 4.620.494. Esses dados são de muita significância para o Coletivo das Meninas Mahin, pois, conforme cresce o município de São Paulo e excepcionalmente a Zona Leste, é muito vantajoso porque é possível aumentar o público para visitar a feira e também empreendedoras para fazer parte. Nos aspectos econômicos, segundo o portal G1 entrou em vigor no dia 20 de setembro deste

ano a Lei da Liberdade econômica que visa melhorar o país. Estima-se que pelas contas da equipe econômica essa medida pode gerar, no prazo de dez anos em torno de 3,7 milhões de empregos e mais de 7% de crescimento. Com relação ao tributário, o governo visa implementar a reforma tributária onde prevê a extinção e a unificação dos tributos, assim criando o Imposto sobre as Operações de Bens e Serviços (IBS), que possui características de um imposto sobre o valor acionado (IVA), segundo o Estadão.com. Outro ponto de que pode trazer ganhos, é o poder de compra, pois com o aumento de empregos é muito propício que as pessoas fazem mais compras, logo então estarão mais dentro das feiras. Isso permite que o Coletivo tenha mais oportunidades para novas empreendedoras MEI, por exemplo, podendo estar dentro das possibilidades de gerar renda, sem estar “fora” dos padrões de empregabilidade, estando na feira com mais segurança e oportunidades de negócios, pois, será possível mais investimento em novas matérias e fornecer mais produtos aos compradores.

11


Análise de MACROAMBIENTE

O Ambiente Natural, percebemos que o clima tem estado bastante divergente e vem mudando ao longo dos anos, as estações do ano não são mais as mesmas devido ao aquecimento global. Conforme ao que acompanhamos nos noticiários em nosso cotidiano vemos que cada vez mais as empresas precisam adotar e otimizar insumos durante qualquer produção de matéria prima, reduzir a quantidade da água nos processos de produção, reutilizar a água e valorizar a luz natural. De forma criativa e eficaz as feiras das Meninas Mahin conseguem agrupar todo o ambiente natural em suas feiras, trazendo apenas o aspecto negativo caso o tempo mude no dia do evento. No Ambiente Tecnológico, podemos ver a evolução dos meios de comunicação, internet 5G, novas soluções de Big Data junto ao Marketing Digital e novos recursos que podem otimizar os negócios, com por exemplo, a criação de startups para aplicativos de celular que tem sido uma grande ferramenta de oportunidade para empreendedores e empresários que querem alavancar nos seus negócios. Concluímos que ao identificamos alguns pontos de análise para o Cliente Meninas Mahin, onde podemos tirar os as forças, fraquezas (fatores microambiente e macroambientes), oportunidades e ameaças (fatores macroambientes). Todos os dados abordados são de grande importância para chegarmos num consenso estratégico de campanha para agregar valor, representatividade e confiabilidade as feiras.

12


Dados de

PESQUISA

13


O EMPREENDEDORISMO NEGRO no Brasil Segundo os dados IBGE, os negros compõem 56% da população brasileira. Em 2017, durante a crise econômica que atingiu o país, a população negra movimentou R$ 1,6 trilhão, o equivalente a 24% do PIB brasileiro. De acordo com a pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM), realizada pelo SEBRAE em 2017, 38,8% dos donos de pequenos negócios no Brasil são negros, sendo considerado o maior contingente dos empreendedores, contra 32,9% de brancos. A pesquisa ainda revela que além do maior contingente, os negros têm a maior proporção de jovens empreendedores, sendo 43% com idade até 34 anos. No relatório da pesquisa sobre o perfil étnico-racial do empreendedor brasileiro, os negros, 91% são empreendedores por conta própria e apenas 9% são empregadores. Já entre os brancos, os números são de 78% e 22%, respectivamente. (BORGES, 2017). 33% dos brancos e 26% dos negros tem ao menos 1 empregado atualmente. Esses números demonstram que a busca por abrir o seu próprio negócios, partiu da necessidade de sobreviver a recessão e ao desemprego.

14


O empreendedorismo da MULHER PRETA no Brasil. Segundo o CENSO do Ensino Superior de 2010, produzido pelo ministério da Educação. As mulheres ocupam 57% das matrículas nas universidades do país, e é também a maioria a terminar o curso, sendo as mulheres 60% dos formandos. Mas apesar de serem maioria nas universidades. A mulher, independentemente da cor, ainda sofre ao se colocar no mercado de trabalho. De acordo com a pesquisa “Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 Maiores Empresas do Brasil e suas Ações Afirmativas”, realizada pelo Instituto Ethos em 2016, a presença feminina nas empresas diminui à medida em que a hierarquia sobe. Sob a perspectiva de raça, o estudo mostra uma exclusão ainda maior das mulheres negras dos cargos executivos estratégicos e de gerência. Onde são apenas 1,6% da gerência e 0,4% do quadro executivo. O estudo, Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 maiores empresas do Brasil e suas Ações Afirmativas, aponta ainda que quando questionados sobre a causa da restrita participação feminina em ao menos um dos níveis hierárquicos estratégicos das empresas, 36,9% dos gestores disseram faltar conhecimento ou experiência de

sua empresa para lidar com o assunto. Outros 34,2% disseram ‘não haver interesse das mulheres’. “O interesse feminino pela qualificação e por galgar postos no campo profissional pode, no entanto, ser percebido quando olhamos os dados da pesquisa sobre capacitação. Segundo o estudo, o nível de instrução das mulheres é superior ao dos homens – 7,5 anos de estudo contra 7 deles, na média”, salienta Marina Ferro, Assessora Executiva da Diretoria do Instituto Ethos. A antropóloga Valente, apud, Leitão, 2003, pesquisadora da Universidade de Brasília, destacou que o empreendedorismo feminino não é novidade no Brasil, apenas que sua valorização se deu na sociedade recentemente, se tornando uma estratégia de sobrevivência e inserção social. Com a abolição, muitos negros livres se tornaram empreendedores como forma de lutar pela inserção social. Sem muitas alternativas para garantir o sustento próprio e de suas famílias, ex-escravas ofereciam serviços de culinária, costura e lavagem de roupas. Ao refletir sobre as imbricações entre raça e gênero. Valente ressalta que, ainda hoje, gestos e violências cotidianos continuam a ser disseminadas na família na escola e no local de trabalho.

15


O empreendedorismo da MULHER PRETA no Brasil.

Segundo Mariana Marcondes, uma das autoras do estudo “Dossiê Mulheres Negras: retrato das condições de vida das mulheres negras no Brasil”, até 1995, a grande maioria das mulheres negras eram chefes de família que tinham como característica uma vida solitária, na qual não existia a presença masculina do marido ou companheiro. Quase 70% dessas famílias naquele momento eram mães, 18% mulheres sozinhas, 10% mulheres sem filhos que coabitavam com outra pessoa. A maior parte dessas famílias - 56,2% - conserva uma renda total de menos de um salário mínimo. Mesmo com a melhora da renda global, a realidade na maioria das famílias chefiadas por mulheres negras ainda é bastante desfavorável. A pesquisa “Empreendedorismo entre mulheres negras na cidade de São Paulo”, realizada em 2014 por Ana Paula Arman, buscou identificar o perfil de mulheres negras empreendedoras na Cidade de São Paulo. O levantamento dos dados mostrou que: • Há 45% de mulheres na faixa de 31 a 40 anos que por apresentarem características de maturidade exercem poder maior de decisão; • Entre as entrevistadas, 75% são naturais do estado de São Paulo; • Em torno de 70% possuem curso superior, e 30% concluíram o ensino médio;

• Entre as entrevistadas, 40% delas atuam no ramo de beleza, 20% no ramo de vestuário, alimentação 15%, outras atividades 15%, 5% artesanato; • Há um percentual de 50% com mais de 5 anos que iniciou o seu negócio, 25% com menos de um ano, 10% com mais de um ano e entre 2 e 3 anos 10%; • 60% dessas mulheres já tinham um conhecimento da área e por isso resolveram empreender; • 30% tinham dificuldade de inserção no mercado formal, por isso optaram em se tornarem empreendedoras; • 65% das entrevistadas buscaram assessoria e 30% não o fizeram; • 60% vendem pela internet, 55% em feiras, 40% em suas próprias casas, 20% possuem loja física; As informações levantadas durante a pesquisa mostram que a atividade empreendedora ajuda a mulher negra na construção de sua identidade, e de sua autonomia econômica, através da geração de renda, principalmente nos casos de mulheres que chefiam famílias.

16


Definição de

PÚBLICO-ALVO O Coletivo Meninas Mahin manifestou o desejo de atrair dois possíveis públicos para os seus eventos. Por tanto, a agência sugeriu dois perfis de público-alvo para trabalhar:

Consumidores Mulheres - Pretas - de 15 a 39 anos de idade- A Residentes da Zona Leste- Classe C,D e E

Empreendedoras: Mulheres - Pretas - Acima de 18 à 39 anos de idadeResidentes da Zona Leste - Classe C, D e E - Que possuam um negócio em potencial.

17


Definição de Público-Alvo

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Sebrae, a classe que mais empreende é a classe C, concentrado 55,2% dos novos negócios. O grande desafio é ajudar a classe D e E que de acordo com os mesmos dados somente 7,3% empreende por conta da dificuldade de criar um negócio com menor condição financeira. A sugestão destes públicos se deu por conta da apresentação na reunião com o coletivo, que trata-se de um empreendimento com foco na região da Zona Leste. De acordo com a entrevista fornecida pela Ednusa (atual representante do coletivo) no canal de YouTube “Joyce Show”, a intenção do coletivo é estar cada vez mais próximo do público periférico, fazendo com que este

consumidor se sinta representado, ajudando-o a consumir de forma consciente e aprendendo mais sobre a cultura negra. Além de apoiar mulheres pretas que produzem algo (seja artesanato, comidas, roupas entre outros) a se tornarem empreendedoras ensinando a gestão de seu negócio e de suas finanças, com a facilidade de estar dentro de sua região evitando longos deslocamentos.

18


Segmentação de

MERCADO

19


Aspectos geográficos As feiras pretas do Coletivo Meninas Mahin ocorrem em sua maioria na Zona Leste, uma das regiões mais populosas do estado de São Paulo, com aproximadamente 4.620.494 habitantes de acordo com o censo de 2012. Além de populosa, a região possui área de 380,7 km . Segundo o CEERT, está em terceiro lugar no quesito de distribuição da população negra e periférica. De acordo com o SPJornal foi a região que mais cresceu nos últimos anos.

Aspectos Demográficos Idade: de 15 à 39 anos de idade- de acordo com o censo Demográfico do IBGE fornecido pela Fundação Seade, o público mais predominante na cidade de São Paulo são na faixa etária acima mencionada Sexo: Apesar da população negra ser na sua maioria homem, de acordo com a Fundação Seade, o Coletivo Meninas Mahin trabalha para trazer a mulher preta periférica ao mercado de empreendedorismo, tornando-a seu público-alvo primário e o seu público secundário o homem preto.* Renda: Apesar de não encontrar renda média mensal do público-alvo apontado, de acordo com a entrevista do coletivo no canal de YouTube Joyce Show, a maioria do seu público

(tanto consumidor, quanto empreendedor) vem da classe E, que em sua predominância tem a renda mensal familiar de R$ 1254,00 de acordo com Centro de Políticas Sociais FGV. Tamanho da Família: Em sua maioria já é mãe e o coletivo trabalha para trazer estas mulheres e seus filhos para a feira, com a ideia de aprender desde cedo sobre a gestão financeiras e gestão de negócios. Ocupação: Para consumidores não há informação de ocupação. Para os empreendedores são pessoas que trabalham fazendo algum tipo de produto, alimento ou até prestando algum serviço de impacto social (exemplos: Bijuterias, turbantes, sobremesas, música, dança e arte ligada a cultura preta.)

Aspectos Psicográficos

saibam do seu potencial e até onde podem chegar.

Aspectos Comportamentais Potenciais consumidoras apreciam eventos que enaltece a cultura da sua etnia, mas tem dificuldade de encontrar pois ainda existe uma questão falta de representatividade nesse assunto. Geralmente possuem dificuldades para encontrar acessórios para o seu cabelo crespo, cores de maquiagens para o seu tom de pele e está sempre ligada aos movimentos que questionam sobre isso nas redes sociais. Quanto às empreendedoras, são mulheres que para vender o seu empreendimento atravessa a cidade pois não encontra espaço onde vive para atrair mais clientes.

Segundo a entrevista da Ednusa, representante do Coletivo Meninas Mahin, a mulher preta da classe E, periférica geralmente pensou no momento em que tinha que sustentar seus filhos, pagar sua conta de luz e começou a produzir algum objeto artesanalmente, a fazer salgados para a venda mas não entende que esse é seu negócio. Além de mulheres que conhecem o seu lugar de fala no movimento negro, sabem a importância

*Informações levantadas na apresentação feita pela Ednusa na Universidade Cruzeiro do Sul.

20


Exemplo de Indivíduo integrante do Público-Alvo:

ISIS Isis, sempre discutindo sobre a representatividade preta no Brasil, consumidora em potencial. 25 anos, solteira, bolsista em uma faculdade privada no curso de história, atualmente trabalha no Centro Cultural da Cidade Tiradentes. Depois que passou pela Transição Capilar, assumiu seu crespo em grande estilo: Virou adepta ao turbante e acessórios que enfeitam seu cabelo. Está sempre debatendo quanto a representatividade no Brasil. Nas horas vagas está sempre na internet, participa de grupos militantes sobre o movimento preto. Gosta de validar a sua cultura e frequentar lugares que dão esta oportunidade. Vai em shows, sempre adepta a feiras e exposições, peças de teatro, principalmente quando é voltada ao jovem da periferia.

21


Exemplo de Indivíduo integrante do Público-Alvo:

SARAH Sarah, 29 anos, solteira, mãe da Rayane de 4 anos, moradora de Itaquera, especialista me tranças afro e uma empreendedora em potencial. Grávida, achou a sua vocação ao ajudar o sua mãe a colocar as contas da casa em dia fazendo tranças no bairro onde mora. Até então, via isso como hobby que trazia rendas extras na sua casa, até começar a ser incentivada por amigas a investir para que virasse seu trabalho. Começou a fazer alguns cursos e agora expõe o seu trabalho em diversas feiras culturais das regiões de São Paulo. Porém hoje sente falta que trabalhar mais perto da região de sua casa.

22


Anรกlise

OT 23


FORÇAS

FRAQUEZAS

Geração de renda;

Conscientização da sociedade sobre a presença das mulheres no mercado;

Reforçar a representatividade dessas mulheres no mercado;

Rotatividade dos locais das feiras, aumentado a visibilidade e presença do coletivo no território da zona leste de São Paulo;

Feiras à luz do dia, contribuindo para a segurança e menor uso de energia elétrica e outros recursos naturais.

A abordagem sobre inclusão racial é um diferencial, pois, promove a aproximação e o engajamento dos consumidores à causa do coletivo

Concorrentes como a Empreenda Afro, que reuni mais ou menos 8 mil pessoas, e acontece no Largo do Paissandú, no centro de São Paulo, e a Feira Preta, um eventos de grande porte e acontece no Anhembi todos os anos voltada totalmente à cultura afro descendente e empreendedorismo;

Não possuir equipe e infraestrutura para ampliar o número de feiras realizadas, como também o número de empreendedoras participantes.

Pouca divulgação

Site pouco informativo.

Ausência de uma estratégia de marketing digital, sendo os canais digitais o principal meio de divulgação do coletivo. 24


OPORTUNIDADES

AMEAÇAS

Em vigor esse ano, a lei da liberdade econômica visa melhorar a economia do país. Essa medida pode gerar no prazo de dez anos em torno de 3,7 milhões de emprego e mais 7% de crescimento;

Com a reforma tributária, é previsto a simplificação da forma de tributação e unificação de todos os impostos em apenas um;

Inclusão de novas empreendedoras MEI.

Mudanças climáticas no dia do evento;

Carência de parcerias expressivas como exemplo Prefeitura de São Paulo.

25


Planejamento de

CAMPANHA

26


Tema: A representação da cultura preta na história.

Conceito: Dando início ao regime escravocrata, os africanos chegaram ao Brasil por volta do século XVI. Apesar de terem uma cultura tão rica, porém, tão pouco explorada, foram de extrema importância para a construção da identidade, cultura e tradições do povo brasileiro. O conceito da campanha é evidenciar a importância da cultura negra na construção da história do mundo. 27


Objetivos de MARKETING • Aumentar a visibilidade da feira, trazendo mais clientes durante o evento. • Construir boas relações com consumidores e potenciais empreendedores falando sobre educação financeira e gestão de negócios.

Objetivos de COMUNICAÇÃO • Colocar o coletivo em evidência no entre grandes empresas através de eventos corporativos. • Fazer com que a marca seja uma referência em empreendedorismo feminino, com ênfase na mulher preta e preferencialmente moradora da periferia.

28


OBJETIVOS DE CAMPANHA

ESTRATÉGIAS

• Maior engajamento nas redes sociais: atingir 2 mil seguidores no Instagram, 5 mil seguidores no Facebook

• • • • •

• Criação de novas redes sociais: Página do Linkedin e Twitter. • Aumento de 50% do número de acessos ao site do Coletivo Meninas Mahin.

Publicidade Marketing de influência Social Media Marketing Digital Inbound Marketing

TÁTICAS

PRAÇA

• Uso de digital influencer com o perfil dos clientes da

Praça Cidade São Paulo, com ênfase nos bairros da Zona Leste.

• Uso de redes sociais para divulgação da marca;

VERBA

marca, para gerar engajamento; • Uso de mídia online para divulgação da marca, utilizando das ferramentas SEO e SEM para alcançar um bom posicionamento nas ferramentas de pesquisa.

Na campanha não disponibilizamos de verba e trabalharemos através de permuta.

PERÍODO A campanha se iniciará em Outubro/2019 e se encerrará em Dezembro/2019.

29


Todas as ações elaboradas para essa campanha foram baseadas na metodologia 5w2h, de forma que conseguimos explicar “o que será feito?”, “porque será feito?”, “onde será feito?”, “por quem será feito?” “como será feito?” e os custo das ações.

30


DIVULGAÇÃO DIGITAIS

POR

INFLUENCIADORES

A equipe de Marketing Digital utilizará da estratégia de Marketing de Influência e contratará os Digital Influencers Nataly Neri, Ana Paula Xogani para divulgar a marca em suas mídias sociais. Eles produzirão 1 (um) conteúdo, onde divulgarão o Coletivo e seu impacto social cultural. Os conteúdos serão disponibilizados durante os meses de outubro a dezembro de 2019. Seguindo a estratégia do Marketing de Influência, a opinião desses produtores de conteúdo tem muita relevância na decisão final de seus seguidores, com isso, esperamos conscientizar o público sobre o tema de extrema importância na sociedade, despertar o interesse na feira, nos produtos e consequentemente levar a finalização de compra.

ANÚNCIOS EM SITES E OTIMIZAÇÃO DE POSICIONAMENTO EM RESULTADO DE SITES DE PESQUISA A equipe de criação produzirá banners digitais para anúncios que serão realizados em sites, principalmente em redes sociais e blogs pertencentes aos influenciadores digitais que serão contratados para a campanha. Serão utilizadas também ferramentas de SEO e SEM para alcançar um bom posicionamento nas ferramentas de pesquisa, essa tarefa estará em cargo da equipe de Marketing Digital em parceria com a de Social Media, isso dará mais visibilidade marca já que o link o site estará sempre entre os primeiros resultados. As peças estarão em veiculação durante os meses de Agosto e Setembro de 2018. Os recursos para o investimento em adwords será disponibilizado através do Google for nonProfits, que disponibilizará U$ 10.000,00 para os impulsionamento dos anúncios.

ANÚNCIOS EM REVISTAS REGIONAIS A equipe de criação produzirá peças offline para inclusão na “Revista do Tatuapé”, que segundo seu mídia kit tem o maior público feminino. Os anúncios terão objetivo de informar sobre as próximas feiras à serem realizadas na região e levar mais informação sobre o coletivo. Os anúncios serão veiculados nas edições de Outubro e Novembro de 2019.

31


Custos e

MÍDIA BRIEFING DE MÍDIA CLIENTE: Meninas Mahin PRODUTO/SERVIÇO: Feira empreendedora PÚBLICO-ALVO: mulheres negras, de 25 à 40 anos, moradoras da Zona Leste da cidade de São Paulo, classe C e D, que tenham desejo de empreender de forma artesanal. PERÍODO DA CAMPANHA: 20 de outubro à 20 de novembro

VERBA: Permuta 32


OBJETIVOS DE MÍDIA ALCANCE: Mídia Eletrônica: 20 mil pessoas Mídia Impressa: 38.400 mil pessoas Mídia Digital: 15 mil impressões FREQUÊNCIA:

Mídia Eletrônica: TV : 2 vezes por semana | Rádio : 5 vezes por semana Mídia impressa: Revista Tatuapé : 1 vez por mês Mídia Digital: 3 vezes ao dia

33


Tabela de CONTINUIDADE TV SEMANA

OUTUBRO 1

2

FLIGHT GRP

NOVEMBRO

DEZEMBRO

3

4

1

2

3

4 1

2

3

X

X

X

X

X

X X

X

X

13,2

26,4

19,8

RÁDIO

4

SEXO

IDADE

Feminino

25 à 40 anos

CLASSE SOCIAL C,D e E

COBERTURA:

Cidade de São Paulo

Meios SELECIONADOS MEIOS PRINCIPAIS: Redes sociais e Cartazes. MEIOS DE APOIO: Revistas regionais e rádio.

Critérios para ESCOLHA DOS MEIOS:

TELEVISÃO

SEXO

IDADE

Feminino

25 à 40 anos

CLASSE SOCIAL C,D e E

sexo, idade e classe social

34


Planilha de INSERÇÃO //OUTUBRO AGÊNCIA

Veículo

SUED Publicidade Av. Paulista 3456 - São Paulo – SP CEP 09876-500

TV Cultura

CLIENTE

ID 1 2

Programação

PI AP

Desc. 3%

CAMPANHA

Coletivo Meninas Mahin

Empodera Mahin

3%

PEÇAS Institucional

30”

Empreenda Mahin

30”

Detalhe

Peça

Manos e Minas

A

30"

Papo de Mãe

B

30"

OUTUBRO / 19 31/10/2019

Período de Veiculação Vencimento Emissão Tipo de PI Pacote

PRODUTO

Coletivo Meninas Mahin Praça das Professoras - Cid. Antônio Est. de Carvalho São Paulo - SP CEP 08225-320

Controle 00002 20140001

NORMAL AVULSO Valor Unit. Neg R$ 543,20

R$

Valor Total 1.086,40

R$

3.492,00

R$

31.428,00

R$

-

R$

-

Total Bruto Comissão Valor Líquido

R$ R$ R$

32.514,40 11.380,04 21.134,36

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 2 1

1

1

1

1

1

1

1

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

1

1

1

3

1

1

0

0

1

1

Valor Unit. Tabela

2

R$

560,00

1

9

R$

3.600,00

1

0 11

3 0

Ins

35


Planilha de INSERÇÃO //NOVEMBRO AGÊNCIA

Veículo

SUED Publicidade Av. Paulista 3456 - São Paulo – SP CEP 09876-500

TV Cultura

CLIENTE

ID

Programação

PI AP

Desc. 3%

CAMPANHA

Coletivo Meninas Mahin

Empodera Mahin

3%

PEÇAS Institucional

30”

Empreenda Mahin

30”

Detalhe

Peça

1 Manos e Minas

A

30"

2 Papo de Mãe

B

30"

NOVEMBRO / 19 20/10/2019

Período de Veiculação Vencimento Emissão Tipo de PI Pacote

PRODUTO

Coletivo Meninas Mahin Praça das Professoras - Cid. Antônio Est. de Carvalho São Paulo - SP CEP 08225-320

Controle 00002 20140001

NORMAL AVULSO Valor Unit. Neg R$ 543,20

R$

Valor Total 1.086,40

R$

3.492,00

R$

31.428,00

R$

-

R$

-

Total Bruto Comissão Valor Líquido

R$ R$ R$

32.514,40 11.380,04 21.134,36

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom Seg Ter Qua

1

2

3

4

5

6

7

8

9

2 1

1

1

10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 2

1

1

1

1

1

2 1

1

1

1

1

1

1

Ins

Valor Unit. Tabela

6

R$

560,00

15

R$

3.600,00

0

3 1

1

3

1

1

0

0

1

1

3

1

1

0

0

1

1

3

1

1

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

21

36


Planilha FLOWCHART OUTUBRO Meio

Veículo

Programa/Formato

Televisão

Manos e Minas

Televisão

1

2

3

NOVEMBRO 4

DEZEMBRO

1

2

3

4

Vídeo 30”

X

X

X

X

5x por semana

Papo de Mãe

Vídeo 30”

X

X

X

X

Mensal

Revista

Revista do Tatuapé

¼ de página/anúncio

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

Diário

Mídia Digital

Google

Display

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

Diário

Mídia Digital

Facebook Ads

Display

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

Diário

Rádio

Cultura FM

Spot 50”

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

2x por dia

Mídia Digital

Instagram ads

Display

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

X

Diário

Mídia Digital

Instagram

Vídeo 30”

X

X

1

2

3

4

INSERÇÕES

X

5

1x por semana

1x por mês TOTAL

197

Obs: Mídias Digitais, os valores serão de acordo com a necessidade de impulsionamento.

37


Planilha CASHFLOW Meio

Veículo

Programa /Formato

Outubro

Novembro

Dezembro

Total Bruto

Mídia

Rádio Cultura FM - 103.3

Programação Normal / Spot

R$ 564,00

564,00

R$ 1.128,00

Impressa

Revista Do Tatuapé

Caderno Especial / ¼ Página

R$ 1.205,00

1.205,00

Mídia

TV

Manos e Minas / 30”

R$ 2.172,80

2.172,80

R$ 4.345,60

Mídia

TV

Papo de Mãe /30”

R$ 41.904,00

41.904,00

R$ 83.808,00

Digital

Google for nonprofits

Tarde / Anúncio

10.000,00

R$ 10.000,00

Digital

Facebook ads

Noite / Anúncio e impul.

R$ 1.000,00

1.000,00

1.000,00

R$ 3.000,00

Digital

Instagram ads

Noite / Anúncio e impul

R$ 1.000,00

1.000,00

1.000,00

R$ 3.000,00

Digital

Instagram – Ana Paula Xogani

Tarde/Conteúdo

R$ 560,00

R$ 560,00

R$ 560,00

R$ 1.680,00

Digital

Instagram – Nataly Neri

Noite/Conteúdo

R$ 670,00

R$ 670,00

R$ 670,00

R$ 2.010,00

1.205,00

TOTAL

R$ 3.615,00

R$109.087,00

Legenda Permuta: Preto Doação: Vermelho Investimento Sugerido: Azul

38


Planilha CRONOGRAMA

Cronograma Geral Jan

Fev

Mar

Abr

Mai

Jun

Jul

Ago

Set

Out

Nov

Dez

Mídias Digitais Televisão Rádio Revista

39


Criação e produção GRÁFICA Peças para mídia digital e redes sociais

40


Criação e produção GRÁFICA Peças para mídia off-line

41


Criação e produção AUDIOVISUAL

Vídeo de Proposta para Comercial para redes sociais.

Spot para divulgação nas rádios.

(clique na imagem para assistir)

(clique na imagem para ouvir)

42


Referências BIBLIOGRÁFICAS Negros são maioria nos pequenos negócios do Brasil. 20 de novembro de 2018 Disponível em: http://www.sebrae.com.br/sites/asn/uf/NA/negros-sao-maioria-nos-pequenos-negocios-dobrasil,d25df465d2d27610VgnVCM1000004c00210aRCRD (Acesso em 22 de setembro de 2019)

https://www.faecpr.edu.br/site/portal_afro_brasileira/3_III.php (Acesso em 20 de setembro de 2019)

BORGES, P. As Faces do Empreendedorismo Negro. 2017 Disponível em:https://almapreta.com/editorias/realidade/as-faces-do-empreendedorismo-negro (Acesso em 22 de setembro de 2019)

https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/09/20/entenda-o-que-muda-com-a-lei-daliberdade-economica.ghtml (Acesso em 20 de Setembro de 2019)

https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2019/09/18/reforma-tributaria-relatorio-sobreproposta-e-apresentado-na-ccj (Acesso em 20 de Setembro de 2019)

https://emplasa.sp.gov.br/RMSP (Acesso em 21 de setembro de 2019) Empreendedorismo negro, um caminho para combater a desigualdade e reforçar o desenvolvimento econômico. 1 de fevereiro de 2019 Disponível em: https://noticiasdeimpacto.com.br/empreendedorismo-negro-um-caminho-paracombater-a-desigualdade-e-reforcar-o-desenvolvimento-economico/ (Acesso em 22 de setembro de 2019)

https://aupa.com.br/mulheres-empreendedoras-nos-territorios/ (Acesso em 20 de setembro de 2019) https://administradores.com.br/artigos/voce-sabe-qual-e-a-diferenca-entre-microambiente-e-omacroambiente-empresarial (Acesso em 20 de Setembro de 2019)

FERRARI, T. Mulheres são maioria nas universidades. Disponível em: https://une.org.br/2013/01/mulheres-sao-a-maioria-nas-universidades/

Instituto Ethos. Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 maiores empresas do Brasil e suas ações afirmativas. 2016 Disponível em: https://issuu.com/institutoethos/docs/perfil_social_tacial_genero_500empr (Acesso em 22 de setembro de 2019) Presença feminina permanece desigual no ambiente corporativo. 6 de março de 2016. Disponível em: https://www.ethos.org.br/cedoc/presenca-feminina-permanece-desigual-no-ambientecorporativo/#.XYepVozPzIU (Acesso em 22 de setembro de 2019)

https://noticias.uol.com.br/censo-2010/homens-e-mulheres/sp (Acesso em 21 de Setembro de 2019) Livro: KOTLER, Philip – Administração de Marketing – 10ª Edição, ano 2000, editora: Prentice Hall. https://ceert.org.br/noticias/dados-estatisticas/9503/levantamento-mostra-distribuicao-dapopulacao-negra-em-sao-paulo (Acesso em 22 de Setembro de 2019) https://www.spjornal.com.br/2017/10/23/zona-leste-e-regiao-de-sp-que-mais-cresceu-nosultimos-dez-anos/ (Acesso em 22 de Setembro de 2019)

http://produtos.seade.gov.br/produtos/idr/download/populacao.pdf (Acesso em 22 de Setembro de 2019)

ARMAN, A.P. Empreendedorismo entre mulheres negras na cidade de São Paulo. São Paulo: Centro Universitário Adventista de São Paulo, 2014 MARCONDES, M. M.; Dossiê mulheres negras: retrato das mulheres negras no Brasil. Brasília: IPEA, 2013 https://exame.abril.com.br/pme/classe-c-e-a-que-mais-empreende-no-brasil/ (Acesso em 03/10/2019

https://cps.fgv.br/qual-faixa-de-renda-familiar-das-classes (acesso em 22 de Setembro de 2019) https://www.youtube.com/watch?v=9viWmYNUwDU - Entrevista Coletivo Meninas Mahin Joyce Show (Assistido em 22 de Setembro de 2019)

43


APÊNDICE 44


45


46


47

Profile for Rede Código

Agência Sued  

Agência Sued  

Advertisement