Page 1

Informativo da Prefeitura Municipal de Conceição do Mato Dentro - ano 21 - nº 73

CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO É 1º LUGAR NACIONAL EM GESTÃO FISCAL O município de Conceição do Mato Dentro despontou no Índice Firjan de Gestão Fiscal 2015, divulgado dia 18 de junho com base nos dados de 2013. Em primeiro lugar, à frente dos 5.243 municípios analisados pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, a gestão municipal afirma sua responsabilidade administrativa com a devida aplicação dos tributos pagos pela sociedade. Composto por cinco indicadores – Receita Própria, Gastos com Pessoal, Investimentos, Liquidez e Custo da Dívida –, o IFGF apresenta os resultados com uma metodologia bastante simples: a pontuação varia entre 0 e 1, sendo que, quanto mais próximo de 1, melhor a

gestão fiscal do município no ano em observação. E a pontuação geral de Conceição do Mato Dentro ficou em 0,9572. O município ainda ganha destaque com pontuação máxima obtida nos indicadores Gastos com Pessoal e Investimentos. Para Ricardo Guerra, o então secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, estar em primeiro lugar nacional em gestão fiscal “é reflexo de um trabalho sério e dedicado que vimos fazendo desde que assumimos a gestão. Na época estávamos no boom de arrecadação de ISS – Imposto Sobre Serviços e tivemos responsabilidade nos gastos com pessoal e priorizamos

VISITE A UTC Você conhece a Usina de Triagem e Compostagem? Sabe como funciona o processo de separação dos materiais recicláveis? Quer ver de perto como é feito o trabalho da ASCAMATO – Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis? Então agende a sua visita e entenda mais porque reciclar é tão importante para o meio ambiente e para as pessoas. Ligue (31) 3868-2323 e fale com a Camilla. A Prefeitura faz questão de lhe guiar nessa experiência.

investimentos em obras físicas e estruturais que garantiriam, para aquele ano e para os anos futuros, o aumento da qualidade de vida em Conceição do Mato Dentro”. O município vizinho de Alvorada de Minas acompanha Conceição do Mato Dentro no topo da lista, aparecendo logo em seguida com o segundo lugar geral. O terceiro lugar está com a cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul. No cenário estadual, apenas três municípios foram classificados como nível A, ou seja, excelente. Além de Conceição e Alvorada, Itatiaiuçu, na Região metropolitana de Belo Horizonte, em 7º lugar geral.

Ela está voltando.

Sexta Cultural Fique de olho!


2

JUL/15

TROCA DE SECRETARIAS Desde o dia 01 de maio, as secretarias municipais de Obras (Infraestrutura, Transportes e Serviços Públicos); Planejamento e Desenvolvimento Econômico; e Agricultura, Pecuária e Abastecimento estão sob nova gestão. Para assumir a primeira, foi designado o então secretário de Planejamento, Ricardo Guerra, que teve seu lugar assumido por Lúcio Santos, antes à frente da secretaria de Obras. Já a secretaria de Agricultura, agora denominada Desenvolvimento Rural, foi assumida por Vulmar Procópio. BALANÇO Na data da transição, o secretário Lúcio Santos emitiu um balanço das obras realizadas na sua gestão. Lúcio enumerou marcantes registros e diz-se satisfeito com as realizações no período 2013-2014. Dentre estas, pavimentação e recuperação

dos 1.680 km de vias públicas; construções de pontes; perfuração de poços artesianos; assentamento de mais de 60 mata-burros entre outras grandes obras feitas de forma autônoma e em parceria com as Secretaria de Educação, de Saúde e de Desenvolvimento Social. Lúcio deu início aos trabalhos na Secretaria de Planejamento estudando, junto aos demais secretários, as propostas para a LOA – Lei Orçamentária Anual para 2016 e a Avaliação de Desempenho Funcional para implantação das progressões salariais dos funcionários da Prefeitura. Também no seu plano de trabalho, promoverá leilão dos veículos e máquinas inservíveis para o Município; apresentará proposta de adequação da Lei Orgânica Municipal e está preparado “para todos os desafios atribuídos à nova secretaria”.

Informativo da Prefeitura Municipal de

Jornalista responsável:

Conceição do Mato Dentro/ MG

Loriane Fogaça MTB7684/PR

ano 2 - 7ª edição - julho/2015

Diagramação: Jornal FalaCMD Ltda

CNPJ: 18.303.156/0001-07

Impressão: Fumarc Gráfica e Editora

Rua Daniel de Carvalho, 161 Centro

Tiragem: 5.000 exemplares

Contato: (31) 3868-1219

Este informativo utiliza papel reciclado

ENFIM, CHEGOU!

Já estão em nossa cidade os veículos que farão o transporte público coletivo. Os micro-ônibus operarão a partir do dia 08 de agosto a R$1,50 a passagem. A princípio, serão realizados dois itinerários, um sentido bairro, outro sentido centro, contemplando os principais pontos da sede urbana.

Rota 1: Rodoviária > Cruzeiro > Avenida JK > Matosinhos > Bandeirinha > Barro Ver m e l h o > C ó r r e g o P e r e i r a > Bandeirinha > Vila Caetano > Centro > Rodoviária. Rota 2: Córrego Pereira > Bandeirinha > Vila Caetano > Centro > Rodoviária > Cruzeiro > Avenida JK > Matosinhos > Bandeirinha > Barro Vermelho > Córrego Pereira.

EDITORIAL “Agradar a gregos e troianos”. É assim que se cumpre a difícil missão de administrar um município apaixonante como Conceição. Táticas e estratégias espartanas são precisas diariamente para fazer uma administração que seja agradável a todos os filhos dessa terra, se não, de nada adiantaria receber os prêmios de excelência em Administração, dados pelos mais conceituados institutos de avaliação, se não fosse supremo o objetivo de fazer o melhor para todos os cidadãos, sem distinção. Falo dos prêmios recebidos pela qualidade de administração nos programas dos SUS – Sistema Único de Saúde; de estar à frente na meta do Ministério da Educação nos índices do IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica; de estar entre os dez primeiros na pontuação do ICMS Cultural; de conquistar a faixa ouro no prêmio de gestão do IQM – Instituto Qualidade Minas e SEPLAG – Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão; e do mais recente destaque: o 1º lugar em Gestão Fiscal entre os mais de 5.200 municípios avaliados pela Firjan – Federação das Indústrias do Rio de Janeiro. São dados que, não modestamente, nos orgulham muito. Mas é na tarefa diária que buscamos agregar estrelas ao nosso trabalho. Nas melhorias dos acessos viários, na qualidade da educação, no atendimento humanitário na saúde, na assistência digna social, no valor dado à nossa cultura e aos nossos patrimônios históricos, nos cuidados e valorização ao servidor, enfim, no serviço público geral. É esse mesmo brilho, que ora vem das medalhas e troféus, que queremos ver nos olhos de quem vive aqui e que junto com o brilho do sol diariamente renova suas esperanças de uma vida melhor. O povo exigente de Conceição está certíssimo, tem que ser exigente. O que se promete há de ser cumprido, e assim não há de ser diferente nessa gestão. Enquanto empregado do povo, cabe ao prefeito trabalhar de maneira satisfatória. E felizmente já ouvimos muita gente agradecida dizer: OBRIGADO REINALDINHO POR E S TA R C U M P R I N D O S U A OBRIGAÇÃO. Armando Brandão Secretário Municipal de Governo


JUl/15

3

DESENVOLVIMENTO SOCIAL

TERRA MÃE, ACOLHENDO AS COMUNIDADES

O Programa Terra Mãe, da Prefeitura de Conceição do Mato Dentro com operacionalização da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, chegou no fim de junho às famílias do Distrito de Três Barras e da comunidade do Buraco. Com um cronograma de longa duração, atividades diversas visam aumentar a qualidade de vida de pessoas em vulnerabilidade social, ampliando conhecimentos e empoderando-as. As oficinas são propostas a todos aqueles que são beneficiários do PNHR – Programa Nacional de Habitação Rural. Crianças, jovens, adultos e idosos ganham a oportunidade de serem integrados social

e ambientalmente, de forma a conhecer mais sobre si, sobre a comunidade a qual pertencem e ainda aprendem como explorar a terra onde vivem com maneiras econômica-sustentáveis. Tudo trabalhado com dinâmicas e técnicas que envolvem arte, cultura, economia e conhecimentos gerais. E não fica só na teoria. Atividades práticas como o mutirão da limpeza, por exemplo, são estimuladas com o intuito de fazê-los cuidar do seu redor com atitudes simples que trazem benefícios para o lugar e para todos que ali vivem ou visitam.

trabalho intersetorial e multidisciplinar, envolvendo todas as secretarias do município e instituições de âmbito municipal, estadual e federal, a fim de promover o empoderamento das comunidades urbanas e rurais, por meio do desenvolvimento de atividades comunitárias tradicionais e da estruturação de uma cadeia produtiva sustentável, instituída na atividade eco turística. As atividades propostas às famílias são voltadas para o uso da terra, elemento primordial na sustentação destas comunidades e que se mostram uma alternativa de desenvolvimento de longo prazo para o município.

O Programa Terra Mãe incentiva o

CASA DA CERÂMICA, O ABRIGO DA INCLUSÃO

Tem inauguração recente no setor de Desenvolvimento Social. A Casa da Cerâmica iniciou suas atividades em junho como um espaço de atividades permanentes do Projeto Terra Boa. Instalada no Posto Agropecuário, a Casa da Cerâmica é abrigo da inclusão produtiva por meio do artesanato em cerâmica e orientações para a formação de grupos, associativismo, cooperativismo e

empreendedorismo. A inauguração do projeto aconteceu com o curso do SENAR – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, através de uma parceria firmada entre a Prefeitura Municipal e o Sindicato dos Produtores Rurais de Conceição do Mato Dentro. Realizado de 22 a 29 de maio, o curso capacitou 12 alunos que aprenderam todas

as etapas da confecção da cerâmica: a preparação da argila, produção manual das peças, a queima em forno e até fazer tintas naturais para pintura das peças. Em breve, serão abertas inscrições para turmas futuras e novos módulos para aqueles que já concluíram esta primeira etapa. Informações: 3868-1770


4

I CONFERÊNCIA MUNICIPAL DA PESSOA IDOSA

O primeiro espaço aberto no município para discutir a situação do idoso. Uma conquista. Assim foi definida a I Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Conceição do Mato Dentro. Realizado dia 8 de julho, o evento reuniu representantes dos poderes públicos e sociedade civil organizada, com grande representação dos idosos, interessados e estimulados em promover o envelhecimento digno no município. Com o tema “Protagonismo e Empoderamento da Pessoa Idosa – Por um Brasil de todas as idades”, a conferência marca um momento no qual os anseios da comunidade são transformados em diretrizes que serão sintonizadas às políticas estadual e nacional. E mais do que criar novas leis, mas criar instrumentos que façam valer os direitos já constituídos. Laura Machado, gerontóloga e diretora executiva da InterAGE Consultoria em Gerontologia Ltda, convidada especial e palestrante da I Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, acredita no diálogo e na participação da sociedade como a forma mais eficaz de promover políticas públicas e mudanças sociais que impliquem em melhorias para os idosos. Para ela, deve-se “pensar em como posso tornar a minha insatisfação em transformação” e dar o devido encaminhamento das recomendações aos órgãos competentes. “Não fazer nada não é a solução”. Laura explanou brevemente sobre a realidade dos idosos em termos mundiais

e pontuou que nas metas da Organização das Nações Unidas para o período de 2000 a 2015 as pessoas idosas não foram incluídas, ou seja, nenhuma proposta ou diretriz para beneficiar os cidadãos com idade superior a 60 anos foram formatadas. O que não irá se repetir nos próximos 15 anos, pois, depois de muitos debates e levando-se em conta a tendência do envelhecimento populacional, os idosos foram considerados nas metas. No Brasil, estima-se que no ano de 2050 o número de pessoas idosas será igual ao de crianças e jovens até 24 anos. Diagnóstico Situacional De acordo com o Diagnóstico Municipal do Idoso, os principais problemas enfrentados pela população idosa em Conceição do Mato Dentro são: 1 – Abandono: grande parte dos idosos mora sozinha na zona rural. Com a saída de casa da população mais jovem em busca de trabalho, os idosos enfrentam a solidão, privados de direitos e, principalmente, da convivência familiar. 2 – Exploração da mão de obra e financeira por membros da família: diante da realidade do trabalho dos mais jovens, o idoso permanece com os netos como cuidadores e corresponsáveis pela manutenção da família. 3 – Exploração financeira por bancos e financiadoras e comércio: por causa do desconhecimento dos idosos, há uma indução por parte das instituições financeiras a fazer empréstimos ou garantir vendas superfaturadas.

MAIO/15 JUL/15

4 – Violência física por parte da família: há relatos de agentes de saúde que mencionam esta dura realidade. 5 – Violência psicológica: idosos são coagidos, ameaçados para não falarem que sofrem maus tratos. 6 – Falta de afetividade por parte da família: além de enfrentarem a solidão domiciliar, na maioria dos casos, quem cuida dos idosos são vizinhos e não os familiares. 7 – Problemas de saúde: alguns próprios da idade, outros adquiridos por maus hábitos alimentares ou exposição excessiva aos fatores naturais. O Diagnóstico Municipal do Idoso é resultado de uma parceria entre Prefeitura Municipal por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, o Conselho Municipal do Idoso e o Programa Parceiro do Idoso do Banco Santander. Denuncie Se você tem ciência do sofrimento de algum idoso, seja por qualquer um dos problemas descritos acima ou outros, não se cale. Denuncie para que estes cidadãos sejam atendidos e acolhidos. Você não precisa se identificar. Disque Direitos Humanos: 0800 03111 19 Disque Direitos Humanos: 100 Sec. Municipal de Desenvolvimento Social: (31) 3868-2880

TRÂNSITO AÉREO O Município de Conceição do Mato Dentro assinou no dia 30 de junho um convênio com a Superintendência de Aviação Civil da Presidência da República que transfere à Prefeitura a administração do aeroporto municipal, localizado no bairro Bandeirinha. Com este documento, a PMCMD, detentora do território destinado ao aeroporto, fica

ainda autorizada a controlar o uso dos equipamentos, que é feito por toda a região, e determinar as melhorias necessárias para adequar o espaço conforme as regulamentações da ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil. O aeroporto em breve receberá as primeiras melhorias. Conceição do Mato Dentro foi contemplada pelo programa de

melhoramentos do Estado de Minas, destinado aos pequenos aeroportos instalados no estado e que tem como objetos o telamento, a recuperação e a ampliação do aeroporto, bem como a pavimentação e sinalização da pista e ainda a construção de uma pequena estação de passageiros. As obras serão iniciadas assim que o Estado autorizar.


JUL/15

5

OBRAS

UMA NOVA JK SENDO ENTREGUE

PAVIMENTAÇÃO

As obras de reforma e drenagem da JK estão chegando ao final. Nos próximos dias a via será completamente liberada, oferecendo aos cidadãos mais conforto e segurança. Ao longo da Avenida já estão sendo instaladas novas sinalizações de trânsito, com apropriados pontos destinados às paradas de ônibus e a implantação das travessias elevadas para pedestres e quebramolas padronizados.

UEMG Construção do prédio da UEMG – Universidade do Estado de Minas Gerais. O campus CMD terá 2095,58m² de área construída, localizada na Rodovia MG-10, próximo ao Posto Agropecuário. A Rua José Pinto Fernandes, que durante anos foi motivo de protestos, agora é motivo de comemoração. A via que antes era de chão está asfaltada, acabando com os problemas do moradores que sofriam com o excesso de poeira. A nova pavimentação compreende o trecho almoxarifado > Inhá Lina > ponte. A ponte, inclusive, que era de madeira, estava em estado de degradação e por onde só passava um carro por vez, foi substituída por uma de concreto mais larga, possibilitando o tráfego de veículos sem interrupção. Mais uma obra de grande importância entregue à população!

Obras de melhoria na Rua Pôr do Sol, no bairro Córrego Pereira. Serviços de drenagem, operação tapa-buracos e conclusão da duplicação da ponte.


6

JUL/15

DEBATE DO PDR

No dia 16 de junho, aconteceu o primeiro seminário para elaboração do Plano de Desenvolvimento Rural de Conceição do Mato Dentro. O evento reuniu representantes de instituições técnicas do ramo da agricultura e pecuária, profissionais autônomos de áreas relacionadas e colaboradores da Prefeitura. Juntos, os participantes levantaram propostas para um município que apresenta muitas possibilidades. Existem no município hoje 724 propriedades rurais, confirmando o potencial agroindustrial de Conceição. Por isso, o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável – CMDRS criará e gerenciará políticas públicas com foco na sustentabilidade, aplicando uma rede de fomento e manutenção das áreas agrícolas e agropecuárias, com foco no desenvolvimento humano, social e empreendedor. Entre as metodologias de trabalho, a agroecologia e a segurança alimentar estão sendo cada vez mais preconizadas no cenário municipal, em especial com o apoio da EMATER-MG. Entre os projetos, um laboratório para exames de brucelose e tuberculose bovinas será construído por meio de parceria entre a Prefeitura e a Anglo American. Entre as obras de reestruturação, o secretário de D e s e n v o l v i m e n t o R u r a l , Vu l m a r Procópio, exalta a reforma do matadouro municipal feita com recursos próprios do município no valor de R$150 mil (cento e cinquenta mil reais). Entre as atividades de fomento à produção rural, já estão em andamento: análise de solo, cessão de transporte de calcário, empréstimos de máquinas agrícolas para preparo de terras, um viveiro de muda de cana no Posto Agropecuário e o Programa de Melhoramento Genético de bovinos. Em fase de implantação, tem-se: formação de capineiras e canaviais e um pomar experimental com plantio de diversas espécies, pelo qual o produtor poderá verificar a produtividade de cada tipo de fruta.

PARECER TÉCNICO SOBRE MINERAÇÃO É APRESENTADO

Em audiência pública realizada na noite de 2 de julho, foi apresentado à comunidade conceicionense, em especial aos moradores das áreas atingidas, o parecer técnico emitido pela SMAGU – Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana sobre a etapa 2 do empreendimento Minas-Rio. Um momento de reunir os anseios da população e documentá-los ao Estado, responsável pela concessão do licenciamento. A etapa 2 consiste na otimização do projeto minerário, ou seja, é a expansão de atividades e elementos em área já licenciada pelo Estado. Desta forma, não há ampliação dos limites do terreno pertencente a Anglo American, mas realização de novas operações dentro do espaço da mina. Porém, por serem fragmentadas, as áreas dependem de licenciamentos específicos e, portanto, a cada etapa, as novas propostas de trabalho devem ser apresentadas ao Município que avalia se estas estão em consonância com as leis municipais. Para fazer esta avaliação, a Prefeitura tem como base a Lei Municipal de Uso e Ocupação do Solo. Se a proposta do empreendedor estiver de acordo com a lei, cabe ao Município emitir a declaração de conformidade e recomendar ações que minimizem os impactos sociais e ambientais, ressaltando as influências à máquina pública e à sociedade. Por isso, além do parecer técnico, é legítima e devida a participação social para que todas os temores e necessidades do povo sejam expostos e avaliados pela empresa e pelo Estado. Todo material produzido nas reuniões do CODEMA – Conselho Municipal de Defesa e Proteção do Meio Ambiente - e na audiência pública foram incorporados e compõem os anexos da declaração.

PLANO DE MANEJO Estão em fase de desenvolvimento os Planos de Manejo dos Parques Municipais do Tabuleiro e Salão de Pedras. O PM é um documento técnico que define o zoneamento e as normas que devem presidir as atividades realizadas nas unidades de conservação. Desta forma, levam-se em conta as questões ambientais, socioeconômicas, históricas e culturais que caracterizam os parques e a região onde estão inseridos. Em fase mais avançada, o Plano de Manejo do Tabuleiro é realizado concomitantemente ao PM do Parque Estadual Serra do Intendente e faz parte é objeto de licitação proposta pelo IEF – Instituto Estadual de Floresta e conta com aporte técnico e financeiro do Projeto de Proteção da Mata Atlântica de Minas Gerais – PROMATA II. Para estes, já foram realizadas oficinas de integração com as comunidades do entorno dos parques a fim de reunir informações, definir estratégias e eleger instrumentos que vão auxiliar no planejamento e no gerenciamento destas Unidades de Conservação. Entre os objetivos dos Plano de Manejo estão: • Levar as unidades de conservação (UC) a cumprirem com os objetivos estabelecidos na sua criação; • Definir objetivos específicos de manejo, orientando a gestão da UC; • Dotar a UC de diretrizes para seu desenvolvimento; • Promover o manejo da Unidade, orientado pelo conhecimento disponível e/ ou gerado; • Estabelecer a diferenciação e intensidade de uso mediante zoneamento, visando a proteção de seus recursos naturais e culturais; • Destacar a representatividade da UC no SNUC frente aos atributos de valorização dos seus recursos como: biomas, convenções e certificações internacionais; • Estabelecer, quando couber, normas e ações específicas visando compatibilizar a presença das populações residentes com os objetivos da Unidade, até que seja possível sua indenização ou compensação e sua realocação; • Estabelecer normas específicas regulamentando a ocupação e o uso dos recursos da zona de amortecimento (ZA) e dos corredores ecológicos (CE), visando a proteção da UC.


4 JUL/15

MAIO/15 7

OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO EDITADOS NO PLANO MUNICIPAL Aprovado no dia 19 de junho pela Câmara de Conceição do Mato Dentro, o novo Plano Municipal de Educação apresenta diretrizes e metas que visam a melhoria da educação nos próximos dez anos, período de vigência do PME. Elaborado junto com a comunidade escolar e validado na Conferência Municipal de Educação no dia 29 de maio, o PME foi coletivamente revisado antes de ser enviado para sanção. Mas o que muda no novo Plano? O Plano Municipal de Educação atende as diretrizes e metas do Plano Nacional de

Educação, instituído em 2014. Dentre os vetores estão: o direito igualitário à educação, sem distinção de raça, cor ou credo; a inclusão dos portadores de deficiência física; a diminuição da evasão escolar; a capacitação e formação dos professores; a transparência e comprovação dos recursos financeiros. Para a secretária municipal de Educação, Juliana Rajão, projetar o PME para um futuro de 10 anos, foi desafiador e precisou de “olhar inovador e ousado”. Ela explicou que no último Plano

HORA DA MERENDA

Municipal de Educação, não se vislumbrava uma possível atividade minerária no município. Mas com o advento da mineração, o Plano 2015/2025 projeta mudanças significativas para a educação, como por exemplo planejar Conceição para uma cidade universitária. “Nossa prioridade enquanto município é garantir a melhoria e a qualidade da educação básica, mas pensar numa cidade universitária mudará os rumos de Conceição, que sempre foi referência em educação”, justificou a secretária.

ENCONTRO MARCADO A educação municipal acaba de ganhar mais uma forte aliada: a literatura de Fernando Sabino. O projeto “Encontro Marcado com Fernando Sabino” vai além do estímulo à leitura, mas trabalha nos alunos da educação básica a sua identidade e identificação com os contos do escritor mineiro, falecido em 2004. Ele costumava dizer que jamais deixaria morrer o menino que ele fora e que carregava dentro de si, e hoje esse menino se manifesta em cada criança conceicionense.

Um ciclo de oficinas pra lá de especial mexeu com a rotina, a profissão e a vida dos cantineiros das escolas municipais. Tão acostumadas a cozinhar dezenas de refeições por dia, eles não imaginavam o poder da multiplicação da comida quando se aprende a aproveitar os ingredientes por inteiro. As novas receitas trazem alternativas simples e práticas que, além de evitar o desperdício, agregam mais valor nutricional aos alimentos das crianças. Dos talos, cascas e sementes, utilizando-se de tudo que antes era visto como “resto” e “lixo”, os servidores estão agora preparados para fazer da merenda escolar mais variada, colorida, atrativa, saborosa e nutritiva, além de reduzir a quantidade de resíduos orgânicos e aplicar bons hábitos de higiene, cuidado e manipulação dos alimentos. A capacitação dos merendeiros é um projeto da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Educação em parceria com a Fundação Israel Pinheiro, para implantação e acompanhamento da Agenda 21 Escolar no período de maio de 2015.

Percorrendo as estradas de Minas Gerais, o projeto chega a CMD trazendo um pouco da vida do escritor e um amplo repertório da sua obra. A partir dos textos de Sabino, muitos deles baseados em episódios da vida do autor, os alunos são convidados a deixar a criatividade aflorar com o desenvolvimento de atividades lúdicas, artísticas e culturais. Releituras, ilustrações, música e peças teatrais são algumas das propostas. Além dos trabalhos desenvolvidos com as crianças, as escolas ganham ainda um acervo de livros, vídeos e crônicas digitalizadas para que o projeto possa ser desenvolvido continuamente ou novas atividades sejam criadas a partir das obras de Fernando Sabino. O projeto “Encontro Marcado com Fernando Sabino” foi idealizado e é dirigido pelo filho do escritor, Bernardo Sabino, que esteve no município no dia 9 de julho para apresentar o projeto aos diretores escolares. As atividades entrarão para a grade escolar a partir de agosto. Para este projeto, a Prefeitura conta com a parceria da Viação Serro, patrocinadora do “Encontro Marcado com Fernando Sabino” em Conceição do Mato Dentro.


8

JUL/15

FÉ E FESTA NA 25ª CAVALGADA DO JUBILEU

Com um público de aproximadamente 7 mil pessoas, o Parque de Exposições Genesco Aparecido de Oliveira foi palco, no dia 13 de junho, de uma das maiores festas de Minas Gerais. O show de recepção da 25ª Cavalgada do Senhor Bom Jesus do Matosinhos teve a animação da cantora Luciana Fossi e da dupla Alan e Alex em dois shows contagiantes. E no domingo, 14 de junho, a atração ficou por conta dos quase 8 mil cavaleiros que vieram celebrar e agradecer o Bom Jesus. Um evento com muita festa e fé.

Cavalgada No dia seguinte, a tradicional cavalgada tomou as ruas de Conceição do Mato Dentro. Mais uma vez, os cavaleiros e amazonas se reuniram num grande movimento de fé. Conduzidos pela imagem de Nossa Senhora Aparecida, aproximadamente 8 mil participantes tomaram o trajeto rumo ao Santuário do Senhor Bom Jesus do Matosinhos, onde receberam as bênçãos. A estimativa de público é da Polícia Militar.

JOGOS DE MINAS

COMIDA DA ROÇA Calendário 2015

III Edição

16/08 - Tapera 23/08 - Ouro Fino 30/08 - Córregos 13/09 - Itacolomi 20/09 - Tabuleiro 27/09 - Sede Já está sendo organizada a 3ª edição do Festival de Comida Roça. Com realização da Prefeitura Municipal de Conceição do Mato Dentro, por meio da Secretaria de Turismo e das Associações Comunitárias, o evento tem o apoio fundamental da EMATER-MG. Todas engajadas no trabalho que vai da preocupação com a preparação dos alimentos até a satisfação

dos que pelo festival passarem. Realizada aos domingos, a 3ª Edição do Festival de Comida da Roça conta nesse ano com o patrocínio do Banco do Brasil, que se une a essa ideia que tem uma receita especial de sucesso: gastronomia, cultura, economia e turismo, tudo misturado na medida certa.

Vai começar a obra de restauro do sobrado da Prefeitura. Elaborado pela ARQ Projetos, o projeto será executado pela empresa Germec Construções Ltda., ganhadora do processo licitatório. O prédio histórico será transformado no primeiro museu municipal, com espaços para exposições, cafeteria, livraria e acessibilidade para portadores de necessidades especiais.

As equipes esportivas de Conceição do Mato Dentro estão empenhadas em seguir o legado esportivo que o município mantém por décadas. Desta vez, o show de bola foi realizado nos Jogos de Minas em João Monlevade. Participaram do campeonato os times de voleibol feminino e futsal masculino, ambos com ótimo rendimento de acordo com a visão do técnico Leonardo Ottoni, que acompanhou os atletas. “Resultado no placar é importante sim para a tabela, mas gratificante mesmo é ver a garra de quem veste a camisa de CMD e não economiza suor para fazer bonito.” Na classificação final, destaque para a equipe masculina de futsal, que garantiu o 5º lugar entre as 30 equipes disputantes. No vôlei, oito times participaram dos Jogos de Minas e as meninas de Conceição ficaram na 6ª posição.

Rumo Certo nº 7  

Informativo oficial da Prefeitura Municipal de Conceição do Mato Dentro / MG

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you