Issuu on Google+

DIRECTOR Joaquim Duarte

SEMANÁRIO 3 de Dezembro de 2010 | Ano X X VI | N. 1309 | €0,80

(IVA incluído)

Telefone 243 309 600 · Fax 243 333 766 · Centro Nacional de Exposições - Quinta das Cegonhas - Apartado 355 - 2000-471 Santarém info@oribatejo.pt - www.oribatejo.pt

Ambiente chumba nova cimenteira | página 16

Rota das Freguesias Feira anual de Pernes revista e aumentada

Negócios JOM abre nova loja em Santarém

páginas 12 a 15

Culturas Jorge Palma acústico em Santarém

página 22

Tomar Pais mobilizam-se para ajudar a escola página 28

Santarém Natal e passagem de ano sempre em festa página 8

página 20

Região Banco alimentar recolheu 85 toneladas na Lezíria página 10

Moita Flores aperta o cinto nas contas da Câmara | página 6


2

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

praçapública eles dizem

sopa da pedra

Quem vai à guerra... Antes ainda de abandonar o cargo de secretário de Estado da Justiça, João Correia causticou o bastonário da Ordem dos Advogados, afirmando que Marinho Pinto é “ignorante, nem sabe o que é um processo judicial”. Depois, levou o troco do reeleito bastonário. “ Não se pode ir para o Governo com uma perspectiva paroquial, de favorecer a sua terra. Ele mandou construir tribunais em Santarém só porque é de lá. Se calhar, vai para presidente da Câmara de Santarém”, comentou Marinho Pinto sobre a demissão de João Correia.

r

Estou farto dos mercados, estou farto da constante ameaça dos mercados. Mas é assim que estamos: nas mãos dos abutres”

Sangue de supermercado

Miguel Sousa Tavares Expresso

Em tempos de contenção já nem os simulacros de acidentes escapam aos cortes orçamentais. Foi o caso do simulacro da Tagusgás na UGA de Alpiarça em que o sangue falso usado para simular a ferida na cabeça da vítima foi ketchup de supermercado. E do barato, disse-nos um dos elementos da organização. Nada que tenha prejudicado o objectivo do simulacro que deu a conhecer aos bombeiros de Alpiarça e Almeirim como lidar com situações de fuga de gás natural.

Segredos “Olha para este!” parece comentar Manuel Moura dos Santos ao ver o vereador da Cultura da Câmara de Santarém Vítor Gaspar a segredar ao ouvido de José Valentim, administrador da empresa municipal Cul.Tur. Isto depois de o vereador ter garantido que a festa da passagem de

ano vai custar menos do que a do ano passado, mas sem dizer aos jornalistas quanto vai custar. “Se quiserem que vão ver ao portal da transparência”, parece segredar o vereador, para desagrado do empresário que vai trazer a Santarém o espectáculo Ídolomania na passagem de ano.

r

João Correia abandonou. Tenho pena que tivesse saído. Perdemos um bom Secretário de Estado. Tenho pena que Marinho Pinto persista numa visão jacobina, centralista, atávica das suas ideações sobre tribunais O que não for em Lisboa, não é poder” Francisco Moita Flores Correio da Manhã

crónica de maldizer

Não é verborreia... Como toda a gente já viu e sentiu, os nossos caros governantes dos últimos anos desataram a fazer leis a toda a hora, numa lufa-lufa tal que já houve leis que foram revogadas antes de entrarem em vigor, e já surgiram leis que não cominavam sanções aos que as não cumprissem. Leis ultra-respeitadoras da liberdade dos cidadãos: quem quisesse cumpri-las respeitavaas, quem não quisesse passar pelo incómodo de as satisfazer borrifava-se para os propósitos ou inocentes recomendações das leis – que também tiveram que ser revogadas. Sou pouco versado no sector, mas não acredito que alguma vez tenha existido no mundo

fazedores de leis tão fecundos e produtivos como os nossos caros governantes dos últimos anos. H á quem d iga que i sso acontece porque os nossos governantes (caros, claro) julgam que se resolvem os problemas que lhes surgem com leis. Poderão resolver e já terão resolvido alguns problemas deles e dos amigos com leis, mas os problemas dos cidadãos, os problemas do povo não se solucionam com leis atrás de leis. Até se agravam, porque com tantas e tão breves leis já ninguém sabe como agir, e as leis não se cumprem, e o não cumprimento das leis empanturra os tribunais, e com tribunais empantur-

rados nunca se reconhecerão as razões do povo. A não ser que seja isso que os nossos governantes (caros) pretendam: defender os seus interesses e os das suas entourages (há quanto tempo, deus meu, não me ocorria tão bonita palavra: entourage! entourage …!Já ganhei o dia…), a não ser, estava a dizer antes de me afagar com a entourage, estava a dizer que poderá estar acontecendo que os nossos caros governantes façam leis freneticamente, que produzam catervas de leis, umas atrás das outras (com tão curtos intervalos que toda a gente desiste de as ler, porque quem tal fizer fica sem tempo para mais nada; e tempo perdido grande

parte das vezes, porque quando se acabava de ler uma lei já tinha sido feita outra que revogava aquela)… o que estava a dizer, o que queria dizer, eu, antes de me render à entourage, o que queria dizer e digo é que com tantas e tão obscuras leis nunca se resolverão os problemas nacionais, só podendo servir essas leis para se resolverem problemas dos nossos caros (pois não que não são; ganham bem e não fazem nada de jeito!), dos nossos caros governantes e – lá vai outra vez – das suas entourages. Mas, se for assim, não se poderá dizer que as leis são pensadas com as cabeças; são pensadas com as barrigas.

Eurico H. Consciência

Por isso é que não posso concordar com aquele candidato a Bastonário dos Advogados que, no debate televisivo da semana passada, dizendo mais ou menos o que eu acabo de escrever, condenou o que chamou verborreia legislativa dos nossos governantes. Dobre a língua, porque de leis sucessivas pensadas com cabeça poderá falar-se de verborreia legislativa. Mas com leis sucessivas que foram pensadas com as barrigas tá-se mesmo a ver que só pode tratar-se de caganeira ou diarreia legislativa. Disse.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 3

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Cartoon de António Maia

a pergunta da semana

opinião

online

O que acha da reeleição de Marinho e Pinto para Bastonário da Ordem dos Advogados? Tenho esperança de que o bastonário tenha outra atitude de diálogo até porque só ganhou com maioria no Conselho Geral da Ordem. Nos outros órgãos não tem maioria ou nem sequer ganhou. Se os bastonário ntinuar com esta atitude autocrática vamos continuar a guerra que já dura há 3 anos e que tem afectado a nossa coesão interna e representatitividade externa.

João Madeira Lopes

No ano passado o país já estava neste péssimo estado e o eleitorado votou em José Sócrates. Relativamente ao dr. Marinho e Pinto, não acredito que vá mudar de atitude. Foi eleito e tem legitimidade democrática. A maioria do eleitorado que o elegeu tem menos de 30 anos e confiou na sua promessa de que não entravam mais advogados na Ordem. Acharam que isso os protege. Eurico Heitor Consciência

Advogado, Membro do Conselho Superior

Advogado

Acho que o sr. Bastonário deve respeitar os órgãos da Ordem e não voltar a andar de costas voltadas paras as delegações e conselhos distritais. Espero que seja alguém que respeite e defenda a classe e isso não significa que tenha que estar contra tudo e contra todos como esteve nestes últimos anos, em que foi pródigo a dar tiros sem consequências boas para a classe. Se quer ser poRamiro Matos lítico que se candidate a um cargo político e não à Advogado Ordem dos Advogados.

Não tenho nenhuma expectativa positiva pela reeleição do Dr. Marinho Pinto, ex-jornalista que se alcandorou a bastonário remunerado de uma profissão que pouco exerceu. Também não teria grande expectativa se tivesse sido eleito qualquer dos outros dois candidatos. O meu último bastonário foi o Dr. Mário Raposo. Mas onde estão, actualmente, pares que queiram eleger bastonários desta José Oliveira Domingos cepa? O que mais vejo são ímpares, mas também Advogado não quero declarar que as estrelas estão mortas só porque o céu está nublado.

Eros ecológico

Luís Eugénio Ferreira

Sabemos bem como a prática política torna difícil dissuadir um político (sobretudo se este detiver o poder) de inverter a marcha de uma linha de actuação pré-determinada, embora assente ou não num consenso, apoiado ou não em pareceres, opiniões, estudos e tudo isso que em geral ocupa longas horas aos inúmeros conselheiros que sempre se envolvem para corromper as questões em causa. É assim a prática política. Fechar os olhos e os ouvidos às lamentações, às críticas e às opiniões que acaso divirjam no todo ou em parte dos grandes planos que o poder, porque é poder, impõe sem reservas nem porquês, se-

guindo o princípio de que o poder é o poder, mesmo sem questionar muito profundamente de onde ou como esse poder lhes caiu em sorte. Apelam então ao precioso conceito da Democracia, (que em grego significa o poder do povo), coisa que tanto os banqueiros, como os demagogos sociais, como os políticos corruptos ou não, conhecem exactamente que é do povo que lhes vem a riqueza, que é, como sabemos a raiz obscura do poder. Decorre também da prática política que uma ideia se combate com outra ideia e para isso temos o parlamento, os congressos, as mesas redondas e outras arenas onde o combate tem lugar,

frente a frente, e onde muitas vezes se passa ao lado das verdadeiras questões. Aqui manifesto agora a minha perplexidade, perante um novo e admirável estilo para dissuadir políticos que se desviem das boas regras sociais, pondo de lado os efeitos colaterais de politicas contrárias ou lesivas dos direitos de existirmos tranquilamente. Tomo agora como exemplo Marie Roche, escritora, bailarina, certamente possuidora de invejáveis dotes e atributos, que indignada com o programa nuclear proposto por um ministro alemão (suponho tratar-se do vicechanceler,) resolveu dissuadi-lo de prolongar o plano

por mais 12 anos, oferecendolhe em troca uma calma noite de amor. Eros torna-se ecológico e é com alguma emoção que apoio o gesto altruísta de oferecer o seu corpo, certamente belo, para salvar o seu povo de uma catástrofe. Acima das guerras palavrosas e obscenas da luta política, acima dos lobbies desconchavados e fatigantes, acima da corrupção e da venalidade, o amor interpõe-se para corrigir uma situação de desastre a médio prazo. Não posso acrescentar se o desafio foi aceite ou não. A mente dos políticos não funciona exactamente como nós imaginamos. Luís Eugénio Ferreira

Corrupção e ética política: Corrupção Política é o uso ilegal por parte de agentes do Estado, com o objectivo de transferir renda pública ou privada de maneira criminosa para determinados indivíduos ou grupos ligados por quaisquer laços de interesses comuns.Por outro lado Ética Política pode ser entendida como a virtude na condução da vida, modo de agir com responsabilidade de forma a alcançar o bem comum pela via da verdade de forma correcta e transparente. (…) Não me parece que o “poder para servir os outros” se confunda com a condição de se “servir a si próprio”. Extrapolando para o nosso país, desde há décadas que Portugal se debate com situações de corrupção que de alguma maneira lesam seriamente a sociedade que humilde e honradamente trabalha. O índice de corrupção está directamente correlacionado com o índice de educação. Pouca educação reflecte má gestão pessoal e intelectual que depois em situações de ascendência profissional e política pode levar a situações gritantes. Fazendo uma breve análise ao Índice de Percepção da Corrupção de 2010, encontramos curiosos dados que caracterizam justamente o que acabei de dizer. São exactamente os países com mais literacia, que apresentam dados muito mais favoráveis no que respeita a essa praga mundial designada por corrupção. (…) Portugal ocupa uma modesta 32ª posição com um índice de 5,8. (...) face à crise implantada que é muito mais grave por ser sistémica e que pode hipotecar o futuro de duas ou três gerações vindouras, não me parece de todo admissível que se continue a autorizar derrapagens absolutamente escandalosas nas obras públicas, umas por má gestão, outras pura e simplesmente por corrupção. (...) Pedro Lourenço Pereira Leitura integral deste artigo em

www.oribatejo.pt


4 PRAÇA PÚBLICA | OPINIÃO

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Director Joaquim Duarte joaquim.duarte@oribatejo.pt CP. n.º 867

Redacção - 243 309 601 João Baptista (chefe) joao.baptista@oribatejo.pt - CP. n.º 1157 João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt - CP. n.º 6911 Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt - CP. nº 8754 Vânia Clemente Jerónimo Belo Jorge - CP. nº 1907 (Abrantes) Joana Margarida Carvalho (Estagiária - Abrantes) Colunistas Armando Fernandes, Beja Santos, Carlos Chaparro, Daniel Abrunheiro; Eurico Heitor Consciência, José Niza, Luís Eugénio Ferreira, António Maia (Cartoon)

Colaboradores António Branquinho Pequeno, António Brotas, Alexandre Manuel, André Lopes (desporto), Adolfo Luís (fotografia futebol), Carlos Alberto Cruz, Francisco Maia (critica cinema) Hélder Duque (fotografia futebol), Joaquim Dâmaso (fotografia), João Grego Esteves, José A. Costa (fotografia futebol), Júlio Freches, Nuno Abreu (fotografia futebol), Nuno Matos (fotografia futebol), Renato Campos, Rogério Rodrigues, Rosalina Melro, Vítor Gomes (fotografia futebol)

Departamento Gráfico Vítor Arsénio (chefe), António Vieira, David Antunes

Projecto Gráfico

defrank - Comunicação Editorial defrank@interacesso.pt

Departamento Comercial - 243 309 602 Rita Duarte (directora comercial) 962 108 761 rita.duarte@oribatejo.pt Luís Silva - 962 108 756 Ana Marecos - 962 108 762 Secretariado - 243 309 600 Ana Sousa - 962 108 760

foto denúncia Já não há palavras para descrever a indignação das populações da freguesia de S. Vicente do Paúl, Santarém, pelo miserável estado a que chegou a estrada principal que liga a freguesia à EN3. A Junta de Freguesia responsabiliza a Brisa pela obrigação de repor os pavimentos destruídos pelas obras de alargamento da A1. Passados três anos, a empresa ainda não honrou os compromissos com a população.

Penso logo insisto

Sede: Centro Nacional de Exposições Quinta das Cegonhas Apartado 355 2000-471 Santarém Geral: 243 309 600

Egoísmo, solidariedade e alguma estupidez

Publicidade 243 309 602 Fax: 243 333 766

No actual momento laboral em que Portugal vive – e de que tanto

E-mail info@oribatejo.pt

Internet www.oribatejo.pt

Serviços assinaturas 243 309 600

Paginação e montagem Jortejo, Lda. - Santarém telef.: 243 309 605

Impressão Imprejornal, S.A. Rua Rodrigues Faria 103, 1300-501 Lisboa

José Niza

Distribuição Vasp

Assinaturas (52 Números) Portugal: 25,50 € Europa: 50,50 € Resto do Mundo: 76 € Preço Avulso 0.80 € (IVA incluído) Editora e proprietária: Jortejo, Lda. Apartado 355 2002 SANTARÉM Codex

GERÊNCIA Francisco Santos, Ângela Gil, Albertino Antunes

Departamento Financeiro Ângela Gil (Direcção), Ana Rita Fonseca, Catarina Branquinho, Gabriela Alves e Patrícia Santos. info@lenacomunicacao.pt

Departamento de Marketing Susana Santos (Coordenação) e Catarina Fonseca marketing@lenacomunicacao.pt

Departamento Recursos Humanos Nuno Silva (Direcção) e Sónia Vieira. drh@lenacomunicacao.pt

Departamento Sist. Informação Tiago Fidalgo (Direcção) e Hugo Monteiro. dsi@lenacomunicacao.pt

Unidade de Projectos Lúcia Silva (Direcção) projectos@lenacomunicacao.pt Tiragem semanal 9.500 exemplares Depósito Legal 13 983/86 Sócios com mais de 10% de capital Sojormédia: 83% Nº Registo no ICS: 111209 (20.11.85) Nº Contribuinte: 501636110

Autorizado pelos CTT a circular em invólucro fechado de plástico envoi fermé autorisé par les PTT Portugais · Autorização - Autorisation: Nº 16 DE 001602 DCE pode abrir-se para verificação postal

Será que este país – ou uma parte dele – ainda não percebeu que não é com greves e protestos, mas com trabalho e algum espírito de sacrifício, que conseguiremos olhar para o futuro com alguma esperança?

se fala – surgem situa��ões paradoxais, incompreensíveis e inacreditáveis. Num país com mais de 600 mil desempregados são histórias que nos deixam atónitos e perplexos. Dois exemplos. A Auto-Europa é uma das maiores empresas que existem em Portugal, é considerada uma organização modelo e tem um grande volume de exportações de automóveis. No epicentro do terramoto europeu e mundial que dá pelo nome de “crise” – e após alguns episódios de turbulência laboral – a empresa fez com os seus trabalhadores um acordo verdadeiramente imprevisível: - aumentos salariais de 4 %, garantia de não haver despedimentos, outras regalias e ainda, a somar a isto, uma gratificação no fim do ano! Há dias houve uma greve geral. E os trabalhadores da Auto-Europa – que pouco tempo antes festejavam o acordo conseguido – baixaram os braços, paralisaram as linhas de montagem, e foram para a

rua protestar com grande espectáculo mediático. É claro que, com um palco daqueles, nem Jerónimo de Sousa, nem Francisco Louçã, perderam a oportunidade de ficar na fotografia. Disseram os operários da fábrica que a greve não era contra a AutoEuropa, mas contra OE pergunta-se: quem é que naquele dia ficou sem construir cinco mil automóveis? Outro caso. Há dias, num telejornal, uma reportagem mostrava uma fábrica com excelente aspecto e as suas trabalhadoras impecavelmente vestidas com batas brancas. Julgo que era na Beira Alta e o negócio – que até está a correr bem – é a produção de cogumelos. Só que – dizia o jornalista – todas aquelas mulheres de branco vestidas não eram portuguesas... eram romenas! Como é que num país, com mais de 600 mil desempregados, esta fábrica não conseguiu recrutar mão de obra em Portugal e teve de ir à Roménia pôr anúncios nos jornais para arranjar quem nela quisesse trabalhar?

Como é possível que hoje, no difícil e apertado Portugal em que vivemos, aconteçam coisas destas? Será que neste rectângulo, à beira das falésias do destino, já não existem reservas de sanidade mental que nos permitam auto-governar-nos? Será que este país – ou uma parte dele – ainda não percebeu que não é com greves e protestos, mas com trabalho e algum espírito de sacrifício, que conseguiremos olhar para o futuro com alguma esperança?

Uma recolha de alimentos realizada há dias pelo Banco Alimentar contra a Fome bateu todos os recordes de Solidariedade: 1500 toneladas de comida! Esta feliz notícia recorda-me 1975 e a total integração de centenas de milhar de “retornados” das colónias que chegaram a Portugal só com a roupinha que tinham no corpo. Porque é que isto aconteceu? Porque a parte mais sã – e simultaneamente a mais espoliada e massacrada da sociedade portuguesa – conhece e pratica os valores da Solidariedade.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 5

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

há vinte anos

números

200 A Câmara de Santarém “trocava” o espectáculo de Mário Viegas e da Companhia do Chiado pelo de António Sala, por causa do preço (e do mau gosto). António Teixeira, do PSD, foi o primeiro presidente de Câmara do distrito a ser acusado de corrupção. À frente da autarquia de Ferreira do Zêzere, falsificou documentos e favoreceu uma empresa de construção a troco de umas centenas de contos.

é o número de crianças em Portugal infectadas com o vírus da Sida através da mãe, durante a gravidez, parto ou aleitamento. Em 2009, foram detectados 6 casos de transmissão, o que corresponde a 2,5% dos partos de mulheres infectadas. Em 1995 o número estava nos 20%. Mas o ideal será chegar a 1%. No País há entre 35 mil e 40 mil pessoas a viver com o vírus.

estrelas

Joaquim Mendes Administrador do Grupo JOM

Num tempo em que só se ouve os arautos da desgraça falar de crise, falência e desemprego, o empresário Joaquim Mendes afirma que “é possível resgatar o sucesso de num povo, trazer a esperança de um futuro melhor para todos e acreditar que é possível vencer a crise”. Da sua parte, o exemplo de um investimento de 5 milhões de euros que veio criar 30 novos postos de trabalho em Santarém.

A espuma dos dias

Armando Fernandes

A sorte dá um trabalhão, enquanto o azar está sempre atrás da porta. As bombásticas afirmações de Jesus no começo da época de futebol servem de exemplo na abordagem de outras matérias, bem mais pesadas, bem mais cruéis para os portugueses.

Uma vitória em toda a linha a do jovem militante de Mação, eleito presidente da JSD Juventude Social Democrata, no fim de semana passado, em Coimbra. Da sua lista regista-se uma forte presença de elementos do distrito como Gonçalo Gaspar (Cartaxo) eleito secretário-geral adjunto, João Leite (Santarém) e Pedro Pereira (Almeirim) eleitos para conselho nacional.

João Correira Ex-secretário de Estado da Justiça

Ao abandonar o cargo de secretário de Estado da Justiça causou a primeira baixa no Governo de José Sócrates. Disse que o trabalho que o levou ao cargo está concluído, mas sai em guerra com meio mundo, desde a Ordem dos Advogados aos seus colegas no Governo. Deixa boa memória para Santarém, onde por sua decisão vai ser instalado o Tribunal da Relação e dois novos tribunais especializados.

Divulgação

Sorte e azar Na terra prometida o treinador Jesus regressou à realidade pelo facto de o Benfica ter sido justamente derrotado. Na altura, suspiroso, numa imitação dos amadores, tentou justificar o desaire aludindo à falta de sorte. Há meses, num exercício de jactância proclamava ir ganhar tudo, tudo. A falta, por um lado, de sentido das realidades, pense-se nas potências futebolísticas europeias e, por outro lado, a consciência deslumbrada de novo-rico que já não necessita de trabalhar como até ali, redundou num estrondoso desastre. Na época passada teve sorte mediante muito esforço, muita garra para azar dos outros. É que a sorte dá um trabalhão, enquanto o azar está sempre atrás da porta. As bombásticas afirmações de Jesus servem de exemplo na abordagem de outras matérias, bem mais pesadas, bem mais cruéis para a generalidade dos portugueses. Os governantes bafejados pela sorte escorada em demagogia, dinheiro fácil, pão e circo, sempre crentes na continuação da fortuna não descansaram enquanto não persuadiram o azar a tomar conta de nós. O azar não se fez rogado e com ele trouxe as pragas bíblicas mais os gigantones financeiros a pedirem-nos contas pelo forrobodó dos gastos sem conta e medida. Da situação tremenda em que nos en-

Duarte Marques Presidente da JSD

Guia para a cidadania no consumo contramos pode resultar um corrosivo conflito a envolver a generalidade da população caso sejam feitos cortes nas pensões e nas reformas, além do cerceamento dos cuidados básicos na área da saúde. A economia paralela ainda vai garantindo alguma folga a largos sectores da sociedade, se for afectada, aumentarão os recorrentes à sopa do Sidónio e, que se sabe sem outro objecto além da sobrevivência, o caldo de revolta fica condimentado ao ponto de nos unir num violento protesto de consequências imprevisíveis. A televisão mostra a desanimação colectiva em Atenas, Dublin e Londres, também revela as tácticas policiais de controlo dos manifestantes, mas quando a fome passa a ser a única coisa ao alcance de todos, subsiste o caos explícito em morte e destruição. E, nós não somos diferentes dos outros, além disso tal como eles apenas temos culpa pelo mau uso do voto. É certo que ninguém se persuadiu que um dia a festa tinha de terminar, no entanto, aos governantes competia imitarem a formiga, mas não, também lhes pareceu mais interessante o estilo de vida da cigarra de modo a ganharem eleições, e agora é tarde. Sem sombra de esperança temos de trabalhar mais, caso contrário, a longo prazo a Morte será a única benesse da vida!

“Consumo”, por Paula Barros (Edições Almedina), é um guia que se recomenda para quem trabalha na formação e educação do consumidor como a todo e qualquer cidadão que procure respostas para a multiplicidade de situBeja Santos ações a que estamos obrigados: quem são e como actuam as entidades reguladoras e de fiscalização; o que devemos saber sobre o direito do consumo quanto a pra“Consuzos de garantia, situações de repamo”, por ração, comunicação de defeitos, durante quanto tempo devemos Paula Barguardar documentos relativos à ros (Edições Alme- aquisição de bens e serviços; o que são os direitos dos consumidores e dina), é um como devemos estar atentos à naguia que se tureza dos contratos que estabelerecomenda cemos e às comunicações comerciais que nos cercam. a todo e Nada como exemplificar com as qualquer cidadão que cerca de 250 perguntas e respostas em que Paula Barros estrutura procure res- a sua obra de divulgação. Recorpostas para rendo a casos pertinentes que se a multiplipodem pôr nos actos de consumo, pergunta se temos de reclamar cidade de sempre por escrito, qual o prazo situações para as empresas de água, luz e com que é electricidade exigirem o pagamenconfronta- to das facturas aos consumidores, do no seu se há profissionais para os quais quotidiano a lei estabelece protecção similar de consumi- à dos consumidores, o que se entende por produto seguro; noutro dor. ângulo, como podem os consumidores apresentar queixas nas entidades de regulação; o que é que há de elementar que devemos saber sobre cláusulas contratuais gerais e quais são as cláusulas que estão proibidas, de acordo com a lei; o

que nos compete saber sobre contratos celebrados à distância incluindo os contratos financeiros; o que se entendem por práticas comerciais desleais e o que são acções enganosas, neste contexto. Em anexo, a autora procede à identificação, das áreas de defesa do consumidor, respectivas entidades reguladoras, e de fiscalização sectoriais; averba os diferentes contactos destas entidades reguladoras e de controlo e apresenta uma minuta de queixa ou reclamação do consumidor. O guia culmina com um léxico que contribui para facilitar a compreensão do leitor quanto à terminologia utilizada. Alguns exemplos: Acção inibitória: acção judicial destinada a proibir a utilização ou a recomendação de uso de determinadas cláusulas incluídas nos contratos de adesão apresentados aos consumidores; Cláusulas leoninas: as cláusulas de um contrato que asfixiam os interesses da outra parte, seja atribuindo todos os direitos ao profissional, seja atribuindo ao consumidor todos os deveres, riscos e responsabilidades; Danos morais: lesões de direitos pessoais, que não são susceptíveis de avaliação em dinheiro; Interesse difuso: direito ou interesse que é colectivo por natureza, insusceptível de apropriação individual, e cuja violação afecta a comunidade. Uma obra que nosa ajuda a ser mais cidadãos no consumo, uma ferramenta útil para consulta diária.


6

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

santarém CRÍTICAS AO GIOVERNO POR ESQUECER AS BARREIRAS

A O orçamento municipal para 2011 prevê cortes em todas as áreas, à excepção da educação e da acção social.

Moita Flores aperta o cinto Austeridade ∑ Orçamento da Câmara de Santarém sofre corte de 10 milhões de euros Apesar de sofrer um corte de 10 milhões de euros, o plano e orçamento da Câmara Municipal de Santarém para 2011 inclui um conjunto de grandes obras comparticipadas em 80% pelos fundos comunitários. O orçamento e o plano de actividades da Câmara Municipal de Santarém para 2011 foram aprovados na sessão de segunda-feira passada, pelos vereadores do PSD, com os votos contra do PS. Para responder à crise, Moita Flores diz que “a Câmara tem de apertar mais o cinto, com um orçamento que espelha as exigências de rigor e o esforço de contenção que a crise impõe ao país”. O presidente da Câmara sublinha que “o orçamento para 2011 apresenta cortes de 10% em todas as áreas, à excepção da educação e da acção social, que aumenta 5% para dar resposta ao previsível aumento do desemprego e do número de pessoas em dificuldades

económicas; muito provavelmente vamos ter de abrir os refeitórios das escolas aos fins de semana, pois para muitas crianças a única refeição é a que comem na escola...” Apesar da crise, a Câmara de Santarém prevê iniciar uma série de obras de grande vulto no próximo ano. O presidente Moita Flores justifica a realização destas importantes obras com a oportunidade única de aproveitar o financiamento de 80 por cento

Vereadores do PS dizem que o orçamento está “empolado”

a fundo perdido pelos fundos comunitários. A vereadora das Finanças Catarina Maia afirmou que “o orçamento para 2011 é realista e equilibrado - as despesas correntes são suportadas pelas receitas correntes, questão que será fiscalizada, se o FMI entrar em Portugal”, disse a vereadora Catarina Maia. O vereador das obras municipais João Leite apresentou os principais investimentos previstos para 2011, todos comparti-

cipados em 80% a fundo perdido pelos fundos comunitários. Entre as obras a concluir em 2011, destaca-se o Centro Escolar do Jardim de Cima (2,5 milhões de euros), a adaptação do antigo matadouro municipal para Loja do Cidadão (455 mil euros), e a recuperação do Palácio João Afonso que vai receber o Conservatório de Música de Santarém (980 mil euros). Quanto às obras a lançar no primeiro semestre de 2011, destaca-

∑ Os vereadores do PS votaram contra o orçamento. António Carmo disse que “este orçamento para 2011 está empolado e é fictício”. Segundo afirma, “estão previstos 30,8 milhões de receitas, que incluem 13 milhões de euros de rendas da casa dos Sabores, 3 milhões de rendas do antigo Presídio Militar, cerca de 11,5 milhões de receitas previstas no âmbito do plano de acção do aeroporto Ota/ Alcochete”. O vereador do PS afirma que o orçamento ainda só teria asseguradas receitas no montante de 47,6 milhões de euros, valor distante dos 85 milhões deste orçamento”. O presidente Moita Flores respondeu que “o atraso nas transferências das verbas deve-se a problemas burocráticos; se quer esclarecimentos sobre estas verbas deve dirigir a pergunta ao Governo, com o qual a Câmara está a negociar e a cumprir os protocolos “.

se o pavilhão gimnodesportivo de Pernes (750 mil euros), o Centro Escolar do Sacapeito (2,6 milhões de euros). Prevê-se também o arranque da requalificação do Mercado Municipal (1,4 milhões de euros); o relvado sintético do campo de futebol da Moçarria (300 mil euros); a variante de Santos, freguesia de Tremez; a requalificação da Igreja de santa Cruz na Ribeira de Santarém, (284 mil euros); a requalificação da Rua 31 de Janeiro em Santarém (941 mil euros); e a requalificação do Palácio Landal, que custará 689 mil euros. No segundo semestre de 2011, serão lançadas as obras do Centro escolar de Santarém Norte (2,6 milhões de euros); o acesso norte a Santarém (3 milhões de euros); pavilhão gimnodesportivo de Alcanede; e a recuperação das igrejas da Alcáçova, de Santa Clara e da Sé. João Baptista joao.baptista@oribatejo.pt

“Depois de tudo negociado com o Governo e de assumido compromisso pelo secretário de Estado, é amoral ter-se retirado do Orçamento de Estado o investimento na consolidação das barreiras de Santarém”, disse o presidente Francisco Moita Flores. O autarca considera que “a instabilidade das barreiras é a pior das ameaças sobre a cidade e não se compreende como o PS não considera esta obra prioritária”. Segundo o presidente da Câmara, “o plano global de consolidação das barreiras de Santarém prevê um investimento de 30 milhões de euros, dos quais cerca de 80% deverá ser financiada pelos fundos comunitários, cabendo ao Governo uma comparticipação da ordem dos 5 milhões”. Recorde-se que na votação os deputados do PCP e do Bloco de Esquerda propuseram a alteração do PIDDAC para incluir o investimento nas barreiras de Santarém, mas as propostas foram chumbadas pelo PS, com as abstenções do PSD e do CDS/PP.

MANTER O SORRISO DA MADALENA O Grupo de dadores de Sangue de Pernes promove uma recolha de sangue no sábado, 4, no Centro de Ajuda Espiritual (antigas instala��ões do Lidl no Choupal), das 9h00 às 13h00 e das 15h00 às 19h00. A recolha inserese na campanha “Manter o Sorriso da Madalena”, menina de Santarém, com 2 anos, internada no IPO com uma leucemia. A menina já está a fazer quimioterapia e precisa de sangue e plaquetas. O Instituto Português do Sangue vai fazer ainda mais 3 recolhas, dias 19 e 26 de Dezembro e 15 de Janeiro.


8 SANTARÉM

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Natal e passagem de ano sempre em festa na cidade Animação em Dezembro∑ Empresa municipal aposta em programa de espectáculos e animação Em plena época de crise e a pensar naqueles que não têm possibilidades financeiras, Santarém volta apostar novamente na festa de passagem de ano. “O convite é para que se despeça de 2010 e abra as portas ao novo ano com alegria, optimismo e muito ritmo,”, disse o vereador da Cultura da Câmara de Santarém, Vitor Gaspar, também administrador da Cul.Tur - empresa municipal de cultura e turismo. O Largo do Seminário e o Largo de Marvila voltam a ser palco de muita música e animação. Este ano, há um novo espaço de animação, a Tenda “El Galego”, no Jardim da República, com DJ’s e música pela noite dentro. A animação começa às 20 horas e a entrada livre. Em destaque, o espectáculo dos finalistas da última edição dos Ídolos, na festa de passagem de ano, no Largo do Seminário, a partir das 22h30. A IDOLOMANIA 2010 vai trazer a Santarém o vencedor da edição, Filipe Pinto, assim como Mel, Marina, André, Carolina Torres e Carlos Costa, entre outros. Na conferência de imprensa de apresentação

GALA DE SOLIDARIEDADE RENDEU 500 KG DE COMIDA A Casa Solidária das Artes e Ofícios da Câmara de Santarém angariou mais de 500 kg de alimentos, na 1.ª Gala Solidária que decorreu no dia 23, no Teatro Sá da Bandeira, abrilhantada pelo grande humorista Herman José e pela Tuna da UTIS – Universidade da Terceira Idade de Santarém. Os produtos alimentares foram doados ao Banco Alimentar Contra a Fome de Santarém.

HOSPITAL DÁ MÚSICA NOS 25 ANOS

A O espectáculo dos finalistas dos Ídolos vai animar a festa da passagem de ano em Santarém. do programa em Santarém estiveram presentes três dos ídolos: Mel, Mariana e André que fizeram questão de frisar que vão acabar a tournée em grande. Depois de IDOLOMANIA 2010, será a vez de actuar o trio de DJ’s português Bailarico Sofisticado. A Orquestra Santos Rosa, no Largo de Marvila (22h30) também não vai faltar para animar a festa. E como já é tradicional, às 12 badaladas é lançado um monumental fogo-de-arti-

fício, da antiga Escola Prática de Cavalaria – Futura Fundação da Liberdade. Em Dezembro, a CUL. TUR promove outros grandes espectáculos. Um roteiro para miúdos e graúdos com algumas actividades a custo zero, que foi apresentado em conferência de imprensa, dia 26. A I Feira Internacional de Artesanato de Santarém / Venda de Natal dá o pontapé de saída, no dia 3 de Dezembro, no Jardim da

Liberdade, numa organização da Goldenside e da empresa municipal Cul.Tur. A mostra que se prolonga até ao dia 22 de Dezembro tem como lema “Faça compras no Centro Histórico!” Será uma grande venda de Natal, com entrada livre, e que comporta uma área de exposição na ordem de 60 stands. Além do artesanato de vários países, a doçaria, a animação e os produtos regionais também marcam presença nesta I Feira In-

ternacional de Artesanato de Santarém que vai estar aberta de segunda-feira a domingo, das 10 às 22 horas. A não perder também é o espectáculo de Jorge Palma, no dia 4 de Dezembro, às 21h30. O músico vai estar no Teatro Sá da Bandeira, para um grande concerto no formato acústico. No dia 19 de Dezembro, às 17 horas, o Teatro Sá da Bandeira recebe o Concerto de Natal com os “Shout”.

Instituto Sá Carneiro apresenta novidades O Instituto Francisco Sá Carneiro lançou, em Santarém, o 3º volume de textos de Francisco Sá Carneiro, no dia 24, na sala de exposições da antiga EPC. Na sessão, o presidente do Instituto Sá Carneiro, Carlos Carreiras, referiu que este 3º volume dos discursos do fundador do PPD/ PSD entre 1974 e 1975. Este volume abrange os discursos relacionados com o 25 de Abril até ao 25 de Novembro de 1975. “Por isso, este livro só podia ser lançado na terra da liberdade, donde saiu a esperança que inundou Portugal em 1974”, disse Carlos Car-

reiras. Para além da apresentação do livro, o Instituto Francisco Sá Carneiro apresentou, em primeira mão, a nova rede da Universidade de Verão, plataforma informática que permite manter o contacto com os quadros formados na UV. Sublinhou que durante estes últimos 8 anos a UV formou cerca de 800 quadros, dos quais 300 estão nesta rede. Anunciou ainda para 2011 uma série de conferências sobre os Motores do Crescimento, a realizar em cada uma das capitais de distrito, cabendo a Santarém o sector da agricultura e florestas.

No âmbito das comemorações dos 25 anos, o Hospital de Santarém vai oferecer dois concertos nos próximos sábados. Dia 4 realiza-se um concerto música jazz com Yuri Gaspar, sala polivalente do Hospital, às 18h30, com entradas livres. No dia 11, concerto Canto Lírico, com Hélia Castro, na Igreja da Graça, às 21h30, com entrada livre.

W SHOPPING ASSINALA DIA DO DEFICIENTE O W Shopping assinala o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência com uma exposição de trabalhos de alunos com necessidades educativas especiais, que será inaugurada no dia 3 de Dezembro, às 11h00, e que irá decorrer até dia 5 de Dezembro. A exposição apresenta os trabalhos desenvolvidos por alunos com necessidades educativas especiais do Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano de Santarém que, a partir de um vídeo sobre “A diferença”, expressaram os seus sentimentos de forma gráfica. A exposição conta ainda com trabalhos desenvolvidos por pessoas da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão com Deficiência Mental de Santarém.


INSTITUIÇÕES E EMPRESAS JÁ ADERENTES • Clínicas Dr. Pedro Choy • Continente Santarém

• Martinho Auto • Papelaria Costa

• Pegop • Pingo Doce Santarém

• Ribatubos • Rodoviária do Tejo

• W Shopping


10 SANTARÉM

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Avisan recebeu 15 mil visitantes

CAVACO SILVA INAUGURA SEDE DE CANDIDATURA EM SANTARÉM No âmbito da candidatura de Cavaco Silva à Presidência da República, será inaugurada a sede distrital de campanha, em Santarém, no Largo do Seminário, no próximo dia 8 de Dezembro, pelas 18h00.

A Exposição Nacional de Aves e Animais de Companhia – Avisan que decorreu entre 26 e 28 de Novembro, no CNEMA, em Santarém foi visitada por cerca de 15.000 pessoas. O certame apresentou ao público mais de 8000 animais, desde animais domésticos como cães, gatos e coelhos aos mais exóticos como aranhas venenosas, cobras, iguanas e até morcegos. Em exposição estiveram também cerca de 500 espécies de aves, num habitat recriado como o mais natural possível, de modo a envolver a espécie e o visitante. Decorreram ainda a 9ª Exposição Na-

cional de Gloster de Portugal, o 4º Show Nacional do Periquito Ondulado, a 18ª Exposição Nacional de Porquinhos da Índia, a 14ª Expoaves, shows de aves de rapina, de répteis e ainda as exposições do lobo ibérico e de peixes de água doce e salgada. Ainda neste certame, o mundo dos caninos esteve em evidência com a 11ª Exposição Canina Internacional de Santarém e várias monográficas. Nesta edição o mundo dos répteis ganhou maior destaque, pelo elevado número de répteis expopstos e que despertaram a atenção dos mais novos.

Alcanhões na guerra de África”

O auditório da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo foi pequeno para receber todos os que quiseram marcar presença no lançamento do livro “Alcanhões na Guerra de África (1961 – 1974)”, no sábado, 27 de Novembro. A obra é da autoria de Mário Ferreira Santos, que passou para o papel os depoimentos pessoais e as experiências em combate de 26 ex-combatentes nascidos na vila, dando corpo a uma reconstituição histórica que atravessa três teatros de operações: Angola, Moçambique e Guiné.

A grande maioria dos “protagonistas” da obra marcaram presença no lançamento, numa cerimónia informal onde o autor manifestou grande regozijo pelo interesse que o livro despertou a nível local. Bancário reformado, Mário Ferreira Santos tem hoje 62 anos e reside há cerca de três décadas em Almeirim. Ao nosso jornal, o autor, que prefere definir-se como “um simples narrador”, frisou que o livro é uma “homenagem” à terra que viu nascer todos os excombatentes que relatam as suas “histórias” em África.

FERNANDO ROSAS FALA DA RESISTÊNCIA REPUBLICANA À DITADURA

A Também nos concelhos da Lezíria do Tejo se bateu o recorde de recolha.

Lezíria recolheu 85 toneladas Solidariedade ∑ Banco Alimentar em Santarém Os Bancos Alimentares Contra a Fome recolheram em Portugal este fim-de-semana um total superior a 3.250 toneladas de géneros alimentares na campanha realizada em mais de 1.147 superfícies comerciais em todo o país. Na Lezíria do Tejo, a cargo do Banco de Santarém, a recolha atingiu as 85,7 Toneladas, contra as 67,5 de 2009 e as 52,5 de Maio deste ano, representando um acréscimo de 27% relativamente à primeira e 63,2 relativamente à segunda. 2.000 voluntários deram corpo a esta acção que se desenvolveu em todas as superfícies desta região. “As quantidades atingidas nesta campanha evidenciam que os cidadãos querem, em momentos economicamente difíceis, ajudar aqueles que mais precisam. Tornamse mais solidários e confiam nas instituições que, pelo seu rigor e transparência, cumprem a missão de combate ao desperdício e luta contra a insuficiência alimentar ”, afirmou

Ramiro Matos, presidente do Banco Alimentar contra a Fome de Santarém. Mais de 30 mil voluntários disponibilizaram o seu tempo, durante o fimde-semana, para participar na campanha de recolha. Tarefas como a recolha nos estabelecimentos comerciais, o transporte, pesagem e separação dos produtos, foram integralmente asseguradas por voluntários. Os géneros alimentares recolhidos serão distribuídos a partir da próxima semana a mais de 1.800 Instituições de Solidariedade Social que os entregam a cerca de

280 mil pessoas com carências alimentares comprovadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confeccionadas. A quantidade agora recolhida constitui um recorde absoluto desde que estas campanhas de recolha se efectuam em Portugal. Também o número de voluntários envolvidos, ultrapassando os 30 mil, jamais tinha sido atingido em ocasiões anteriores, naquilo que constitui em temos de dimensão uma operação de voluntariado sem qualquer paralelo no nosso País.

Ainda pode contribuir para o Banco Alimentar até domingo

∑ Ao longo da próxima semana, até 5 de Dezembro, haverá ainda a possibilidade de contribuir para os Bancos Alimentares Contra a Fome através da Campanha “Ajuda Vale”, presente nas lojas de várias cadeias de supermercados, onde são disponibilizados cupõesvale de produtos seleccionados.

“A Resistência Republicana durante a Ditadura e Estado Novo” é o tema da conferência que o historiador e dirigente do Bloco de Esquerda Fernando Rosas irá proferir, no sábado, dia 4, em Santarém, a partir das 16h00. A iniciativa está marcada para o teatro do Círculo Cultural Scalabitano, e é antecedida de uma homenagem aos republicanos resistentes do CCS durante a ditadura.

CÂMARA PROMOVE CAMPANHA DE SOLIDARIEDADE A Câmara de Santarém está a promover uma campanha de recolha de géneros alimentares de 6 e 20 de Dezembro. Para o efeito, será montado um stand junto ao edifício dos Paços do Concelho. A Câmara pretende alcançar as 5 toneladas de alimentos, ultrapassando as 4 toneladas do ano passado. Os alimentos recolhidos, vão ser entregues ao Banco Alimentar Contra a Fome de Santarém. O presidente Francisco Moita Flores lança o desafio para que “todos as ofertas e presentes que julguem por bem entregar à Câmara Municipal de Santarém sejam convertidos no mesmo valor em produtos adequados para serem recebidos pelo Banco Alimentar contra a Fome”, uma vez que, tendo em conta a grave crise que atravessa o País e o Mundo.”


12 ROTA DAS FREGUESIAS

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

pernes

textos e fotos ∑ Bruno Oliveira

PROGRAMA DE ANIMAÇÃO

A Vila de Pernes em festa durante a próxima semana, na Feira anual centenária que atrai normalmente milhares de pessoas às ruas da terra

Feira anual revista e aumentada 7 a 9 de Dezembro ∑ A tradicional “feira franca” da vila vai ter mais animação, música e tasquinhas A tradicional Feira de Pernes já não é o que era mas este ano promete ser muito melhor. A garantia é da Junta de Freguesia de Pernes que se esmerou, em parceria com as forças vivas da terra, para que, de 7 a 9 de Dezembro, a vila acolha o melhor possível os milhares de pessoas que visitam a localidade. Esta “feira franca”, criada em 1663, vai ter este ano animação de rua,

concertos, tasquinhas e uma melhor organização em termos de segurança e de circulação de pessoas e carros. A feira realiza-se habitualmente no feriado de 8 de Dezembro mas, há muitos anos, que se estende por mais dias, tendo também muita procura logo na noite de dia 7. Por isso, a junta procurou implementar, já no ano passado, algumas mudanças para permitir trazer mais

animação ao certame e para que este evento seja uma oportunidade da vila se projectar também fora de portas e das colectividades angariarem alguns fundos. Apesar do decréscimo de importância e de visitantes nos últimos anos, a Feira mantém-se como um ponto alto de encontro dos pernenses e de muitos forasteiros. Longe de ser o espaço privilegiado onde as pessoas vi-

nham negociar os preços do azeite, para comprar as suas roupas e mantimentos para o Inverno, a Feira de Pernes mantém ainda muita atractividade para muitos feirantes. Por isso, a junta de freguesia apostou em contratar alguns grupos musicais para criar animação em torno da tradicional feira, apostando também numa melhor organização das bancas de venda e do reforço de 50% nas grades de se-

gurança para evitar problemas de estacionamento e de circulação junto à estrada N3. “A feira não vai ser mais do mesmo”, sublinha o tesoureiro da junta, Afonso Pimentel. Até ao momento estão já confirmados cerca de 70 feirantes, um número semelhante ao de anos anteriores. “Mas muitos outros devem vir porque normalmente não fazem marcação prévia”, salienta o autarca.

A feira vai ter também os tradicionais “carrinhos do choque” e carroséis e uma tenda central onde serão instaladas as tasquinhas, que estarão a cargo de associações da freguesia: o agrupamento de escuteiros 1159 de Pernes, o Centro de Convívio e Cultura de Chã e Outeiro e ainda a associação humanitária dos Bombeiros Voluntários de Pernes. A Música Velha também colabora na organização de animação própria, nomeadamente, do típico “Baile da Feira”. O dia da Feira de Pernes é a 8 de Dezembro, mas logo no dia antes vai poder visitar o recinto e provar os petiscos servidos pelo agrupamento de escuteiros e pelos bombeiros voluntários. Os doces estarão a cargo do Centro Cultural de Chã de Baixo e Outeiro de Fora. As portas do recinto abrem às 17h. Neste dia 7, pode também dar um pezinho de dança nas instalações da Música Velha, no centro da vila, com o grupo Madeira Show e do DJ Element G + Guest. É a partir das 22h. No dia 8, dia grande de feira, vão haver almoços e jantares nas tasquinhas e animação de rua com malabares, cuspidores de fogo, entre outros intervenientes. Ao final da tarde, pelas 17h, actua o Rancho Folclórico do Verdelho.


PERNES | ROTA DAS FREGUESIAS 13

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Junta aposta no trabalho de proximidade Novo executivo ∑ Finanças não dão para grandes investimentos mas junta aposta estar atenta às necessidades do dia-a-dia O novo executivo da Junta de Freguesia de Pernes, composto pelos eleitos da CDU, diz que o seu trabalho neste primeiro ano de mandato tem sido o da “proximidade”. Como as finanças não dão para grandes obras, a Junta tem procurado fazer o acompanhamento das necessidades do dia-a-dia. “A freguesia não está saudável a nível financeiro mas temos feio um esforço de gestão de proximidade, isto é, de resolver os problemas do dia-a-dia, do buraco na estrada, dos contentores estragados. Outras obras não podemos fazer”, frisa a presidente, Salomé Vieira, que lidera um executivo onde regressa o ex-presidente Vicente Batalha, agora como secretário. A junta assumiu novas

responsabilidades, sobretudo na área da educação, e queixa-se que as transferências de competências da câmara municipal não vieram acompanhadas das transferências financeiras a tempo e horas. A junta assumiu os transportes das crianças da localidade de Chã de Baixo e Outeiro de Fora, onde encerrou a escola primária. A presidente garante que esta mudança está a correr bem e a ser bem aceite pelos alunos mas lamenta que só exista uma carrinha para fazer este transporte, que se estende também à Póvoa das Mós. “A transferência de competências está feita e nós assumimo-la, agora a transferência de verbas está atrasada deste Maio e ainda temos algumas ver-

A Afonso Pimentel (tesoureiro), Salomé Vieira (presidente) e Vicente Batalha (secretário) compõem executivo

bas para as escolas que estão atrasadas desde o ano lectivo passado”, explica-

nos Salomé Vieira. As receitas próprias da junta também parecem

não ajudar muito à situação financeira. A junta consegue verbas relacio-

nadas com atestados, cemitérios, com a comissão que recebe pela cobrança da água (serviço prestado à Águas de Santarém) e ainda com a exploração de um posto de combustível da Galp. “O posto de combustível não é a mina de ouro que as pessoas julgam. Não é de todo”, frisa Salomé Vieira. Um a da s polém icas na freguesia foi a deslocalização do centro de saúde para um espaço numa das zonas mais altas da vila. A funcionar há mais de um ano neste novo edifício, que é propriedade de Santa Casa, o centro tem boas condições mas ainda assim a Junta não desiste de que seja construído um novo centro de saúde de raiz noutro local mais acessível.


14 ROTA DAS FREGUESIAS | PERNES

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

A Obras no Mouchão Parque já estão bem encaminhadas, prevendo-se o seu reinício em Abril/Maio

O novo Mouchão Obras recomeçam na Primavera ∑ Junta quer avançar também com obras na ilha As obras de requalificação Mouchão estão paradas devido às condições climatéricas mas, segundo informações da ARH Tejo dadas à junta de freguesia, os trabalhos no local deverão reiniciarse em Abril/Maio do próximo ano. Recorde-se que este projecto já esteve parado devido à derrocada de uma das muralhas da ilha, durante o passado Inverno, um imprevisto que obrigou a rever o projecto para que esta situação seja resolvida. A muralha que ruiu ainda aguarda intervenção. Para interior da ilha do

Mouchão Parque, a Junta tem o objectivo de construir um parque de lazer e de reabilitar o edifício. Segundo a presidente Salomé Vieira, o projecto está a ser elaborado pela Câmara de Santarém, já existindo estúdio prévio e prevendo-se que, numa primeira fase, a intervenção dê prioridade ao edifício, assumindo a junta de freguesia parte dos custos. “Vamos tentar que a câmara comparticipe com alguma verba e, se possível recorrer a outros fundos”, frisa a autarca. “Já reunimos com técnicos da câmara e da ARH para

que seja possível avançar em simultâneo, já no próximo ano, com as restantes obras no paredão e com as obras no interior da ilha”, acrescenta Salomé Vieira. Já concluída está a nova ETAR de Pernes, feita pela empresa Águas de Santarém. O equipamento está em fase de testes para receber a ligação dos esgotos da freguesia vizinha do Arneiro das Milhariças, da povoação da Póvoa das Mós (onde as obras de saneamento básico deverão arrancar em breve) e também das povoações da Chã de Baixo e Outeiro de

Fora (onde o saneamento deverá estar totalmente concluído até 2013). O espectro da poluição no rio Alviela tem andado afastado da freguesia nos últimos meses. Ainda assim, a junta frisa que, só após a resolução do problema da ETAR de Alcanena, é que poderá haver uma solução integrada para o rio. A autarquia não rejeita que existam fontes de poluição próprias da freguesia mas garante que, nos últimos tempos, não tem recebido muitas queixas das pessoas e entidades que normalmente vigiam o rio.


PERNES | ROTA DAS FREGUESIAS 15

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

ZONA INDUSTRIAL AINDA ADIADA Outro problema adiado na freguesia é o da zona de desenvolvimento económico de Pernes, um espaço existente à saída da vila na direcção norte da N3, e onde até há pouco tempo existia um poste de alta tensão na EDP, bem no centro de um monte de terra que precisava de ser terraplanado. As obras de terraplanagem não foram ainda concluídas por causa desse poste - que entretanto já foi retirado – que tem adiado a instalação de, pelo menos, três empresas interessadas em aqui se fixar. “É uma vergonha que este projecto não avance, visto que há empresas interessadas e precisamos muito de postos de trabalho”, refere a presidente Salomé Vieira.

Pavilhão desportivo com arranque previsto para 2011 Desporto∑ Atlético de Pernes já tem 170 atletas a precisarem de novo campo Uma obra que parece estar prestes a ter alguma luz ao fundo do túnel é a do Pavilhão Gimnodesportivo na freguesia, um projecto que foi esta semana a reunião da câmara municipal e que deverá iniciar-se no 1º semestre de 2011. Segundo a presidente de junta, a autarquia de Santarém prorrogou o prazo para as empresas apresentarem documentos que servirão de base para a escolha do vencedor que realizará a obra, orçada em cerca de 750 mil euros, financiados

A Este é o terreno do futuro complexo desportivo em 80% por fundos comunitários. Fica a faltar o tão falado complexo desportivo que prevê a construção, para além do pavilhão já referido, de um campo de futebol e de uma sede

Uma presidente dos “sete ofícios” Salomé Vieira é uma das três mulheres que, no concelho de Santarém, assume a presidência de uma junta de freguesia. Uma missão difícil, que lhe exige muito tempo dispensado à sua vida profissional e familiar. “Eu vivo numa espécie de quadrado geográfico na freguesia: entre a minha casa, a minha profissão, a junta de freguesia e o teatro na Música Nova”, explica a autarca, referindo que, às vezes, chega a demorar uma hora para fazer o percurso entre casa e o seu trabalho - que fica do outro lado da rua – porque é solicitada para resolver assuntos da Junta ou para falar com pessoas que a abordam na rua. Nada que atemorize esta jovem autarca, filha de um dos grandes resistentes políticos anti-fascistas do período de antes do 25 de Abril, Manuel Vieira. O seu irmão, Hélder Vieira, esteve ligado à criação da primeira associação ambientalista do país, a CLAPA, e lutou contra o problema da poluição no rio Alviela. “O meu pai e o meu irmão foram presos políticos e os meus avós e tios também sofreram com a repressão

A Salomé Vieira segue a tradição política do seu pai do fascismo”, conta Salomé Vieira que confessa ter, desde nova, o “bichinho da política”. A agora presidente de junta já exerceu o cargo de tesoureira num mandato em que Vicente Batalha esteve à frente do executivo como presidente. Também já esteve na Assembleia de Freguesia e agora regressa para assumir a liderança da junta. “Hoje em dia é mais difícil porque as coisas são muito mais burocráticas

e as negociações dos processos são, por vezes, mais veladas. Antigamente, era tudo muito mais aberto, mais claro”, conta a presidente de junta que também é actriz no Grupo Cénico da Música Nova de Pernes, encenado precisamente pelo seu actual colega de executivo, Vicente Batalha, que agora assume a função de secretário neste mandato. “O teatro é uma fuga para libertar dos problemas do dia-a-dia”, frisa Salomé Vieira.

para dar melhores condições de prática desportiva ao Atlético Clube de Pernes, uma instituição que movimenta já cerca de 170 atletas nas modalidades de futsal e futebol. O novo pa-

vilhão substituirá o antigo pavilhão “das eiras”, um edifício que a Junta pretende demolir para aqui criar um espaço para os jovens da freguesia poderem ter uma zona de lazer.

APOIO SOCIAL FRAGILIZADO Apesar do trabalho da Santa Casa da Misericórdia, com as suas valências sociais de apoio aos idosos, o apoio social na freguesia ficou algo fragilizado nos últimos meses com o encerramento do Balcão de Atendimento da Segurança Social, “por tempo indeterminado”, conforme se pode ler numa folha afixada na porta. Funcionou também na freguesia, nos últimos meses, um projecto social designado “Escolhas”, um espaço de convívio com computadores, criado na sede da junta de freguesia pela Associação de Desenvolvimento Comunitário de Santarém. O espaço encerrou e a junta está a procurar saber o que aconteceu, até porque já envolvia cerca de 60 crianças e jovens.


16

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

região lezíria do tejo santarém FÓRUM SOBRE FAMÍLIAS PROBLEMÁTICAS NA AZAMBUJA

A A fábrica está prevista para a zona de Vale da Pedreira, precisamente numa área de 10 hectares de pedreira já explorada pela Tecnovia

Ambiente chumba cimenteira Rio Maior ∑ Declaração de Impacto Ambiental arrasa projecto da fábrica de cimento da Tecnovia O ministério do Ambiente chumbou a construção da fábrica de cimento da Tecnovia em Rio Maior, no local de Vale da Pedreira. Segundo a agência Lusa, que cita a Declaração de Impacto Ambiental (DIA) emitida esta semana pelo ministério, o projecto da fábrica está em “total incompatibilidade” com o PDM de Rio Maior e com a Reserva Ecológica Nacional (REN). “O projecto configura usos e acções não compatíveis com os objectivos de protecção ecológica e ambiental e de prevenção e redução de riscos naturais”, refere a DIA, acrescentando que, a construção da fábrica, terá “impactes ambientais negativos elevados e não aceitáveis”, tendo em conta a sua localização em Sítio de Importância Comunitária e na proximidade do Parque Nacional das Serras de Aire e Candeeiros. É ainda referido que o projecto vai trazer uma

“sobrecarga do tráfego e perturbar a circulação” nas estradas circundantes, sobretudo devido à circulação de camiões, que era uma das principais queixas do movimento de cidadãos que foi criado e que lançou uma petição pública contra a construção da fábrica. Na análise do projecto da Tecnovia, o ministério do Ambiente detectou “falta de clareza e ambiguidades na descrição do processo de fabrico de cimento”, sublinhando

Um investimento de 100 milhões mas que gera grande polémica

sobretudo a “falta de fundamentação dos valores de emissões gasosas” a ser emitidas pela fábrica. É ainda referido nessa declaração que não é justificada a razão de instalação desta fábrica neste local tendo em conta que existem mais três cimenteiras num raio de 60 quilómetros e que a capacidade instalada para fabrico de cimento é excedentária face às necessidades do país. O ministério do Ambiente diz ainda que a zona de

construção da fábrica – no interior de uma pedreira - será atravessada pela futura linha do TGV (entre Lisboa e Porto) e que, por isso, esta situação “poderá inviabilizar” a exploração da referida pedreira e obrigar a empresa a procurar matéria-prima noutros locais. Por fim, o ministério alega ainda que a empresa fundamentou a legalidade do seu projecto com base em legislação de licenciamento industrial e

∑ A construção desta fábrica tem gerado protestos da população e de organizações não governamentais (Oikos, Geota e Quercus), que emitiram pareceres desfavoráveis durante a consulta pública. Das entidades ouvidas na avaliação de impacto ambiental – entre as quais estiveram também técnicos e professores universitários e a Associação Técnica da Indústria do Cimento – todas se mostraram contra a construção da fábrica, à excepção da câmara de Rio Maior que não tomou posição final. Por seu lado, a Tecnovia salienta a importância do investimento de 100 milhões de euros, fala da criação de mais de 100 postos de trabalho e de impactos ambientais “reduzidos”. E para esclarecer dúvidas, anunciou uma sessão de esclarecimento na associação cultural de Freiria, dia 10 de Dezembro, às 19h.

ambiental que já foi revogada e desactualizada, acrescentando ainda que a Tecnovia não teve em conta a evolução das MTD (Melhores Tecnologias Disponíveis). Ouvido esta semana pela Lusa, o assessor da administração da Tecnovia, Hermínio Martinho, garantia que a fábrica não iria afectar as populações, sublinhando dois argumentos favoráveis: o facto da empresa ir recorrer “à mais moderna tecnologia” para a construção e funcionamento da fábrica; e ainda pelo facto da fábrica ficar localizada no interior de uma pedreira onde já existe exploração há vários anos, sem que tenham havido queixas por parte da população. Hermínio Martinho afirmou mesmo que “este local é talvez o melhor do país para uma fábrica deste tipo”, devido às reservas de calcário existentes na zona e que são a matériaprima de uma fábrica de cimento.

O Município de Azambuja vai realizar um fórum sobre o tema “Famílias Problemáticas”, no dia 3 de Dezembro, pelas 9h30, no Auditório do Centro Cultural Páteo Valverde. Esta iniciativa integra-se no Projecto “(Re)Ver a Pobreza”, promovido pela Rede Europeia Anti-Pobreza – Núcleo de Santarém, no âmbito do Ano Europeu de Combate à Pobreza e Exclusão Social (AECPES). Além de Azambuja, estão envolvidos neste projecto todos os Municípios da Lezíria do Tejo. Neste âmbito, têm vindo a ser realizadas diversas actividades ao longo do ano, das quais se destacam as duas edições do “Concurso de Desenho e Fotografia (Re)Ver a Pobreza” e os fóruns temáticos, organizados pelos diferentes concelhos.

PRESIDENTE DA CCDRLVT VISITA ALE DE RIO MAIOR Uma delegação da CCDRLVT realizou uma sessão de trabalho com os responsáveis da área de localização empresarial de Rio Maior e com a Presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Isaura Morais. Foi efectuado o ponto de situação dos Parques de Negócios do Vale do Tejo e uma discussão técnica sobre alguns aspectos da construção do Parque de Negócios de Rio Maior. Após a reunião, a presidente da CCDRLVT, Teresa Almeida, e os responsáveis técnicos, fizeram uma visita ao Parque, tendo analisado em pormenor os trabalhos efectuados. Nesta primeira fase está vendido 40% do loteamento, mesmo antes de estarem concluídas as obras de infra-estruturação. Nas próximas semanas serão divulgados mais alguns investimentos.


ALMEIRIM |ALPIARÇA | REGIÃO 17

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Rio Tejo em discussão Participação ∑ População é chamada a dar a sua opinião através de site online A Administração da Região Hidrográfica do Tejo (ARH – Tejo) realizou uma sessão do seu fórum de participação pública para o futuro plano de gestão da região hidrográfica do

Tejo em Almeirim, no dia 25. A sessão contou com cerca de 30 participantes e teve como grande objectivo ouvir a população e envolvê-la na construção do plano, cuja versão de-

Câmara de Almeirim diz que demoliu imóvel correcto

A Afinal o edifício demolido era de um particular A Câmara Municipal de Almeirim divulgou documentos que pretendem atestar que a propriedade do imóvel demolido na rua Dr. Francisco Godinho é de um particular, residente na cidade, e não da Santa Casa da Misericórdia de Santarém (SCMS). Segundo a autarquia, a confusão terá surgido devido a uma identificação errada dos números de polícia no edifício devoluto. A Câmara diz ter demolido o prédio identificado com os números 33 e 35, numa área de 231 m2, propriedade de Francisco Minderico, o particular que assinou um protocolo de cedência do espaço para o município construir um parque de estacionamento público. A Misericórdia de Santarém, segundo os documentos da autarquia, é proprietária do espaço contíguo, com uma

área também de 231m2, mas identificada com os números de polícia 27, 29 e 31. Na informação feita pela divisão de obras municipais (DOM) da Câmara de Almeirim, assinada pelo engenheiro Rocha Pinto, lê-se que a Santa Casa é apenas proprietária da casa onde hoje funciona uma oficina de motorizadas e do prédio anexo. “Os números de polícia (hoje não visíveis) correspondem à montra e porta da oficina e ao outro prédio ao lado (27, 29 e 31)”, assinala o mesmo documento. “O prédio demolido, registado com o nº 3090, inscrito na matriz sob o número 946”, é propriedade de Francisco Minderico, sustenta o responsável pela DOM do município. O provedor da SCMS, Mário Rebelo, disse a O Ribatejo que está ainda a estudar o assunto e a analisar a documentação que a Câmara divulgou.

finitiva será publicada em Março de 2012. “A participação da população nesta fase de caracterização e diagnóstico é fundamental”, disse ao nosso jornal Ana Adelino,

da Biodesign, empresa contratada para dinamizar a participação pública. O balanço destas sessões vai estar disponível na plataforma www.planotejo.arhtejo.pt.

Consumo racional de água em debate Alpiarça acolheu um seminário sobre o consumo racional da água. O presidente da câmara, Mário Pereira, sublinhou o papel do poder local na promoção de uma “eficaz distribuição da água e da cobertura da rede de saneamento básico em

benefício das populações”. Foi destacado o papel da empresa Águas do Ribatejo, cujo director, José Moura de Campos, referiu os investimentos de 52 milhões de euros, de um total de 131 milhões de euros previstos para os próximos anos.


18 REGIÃO | RIO MAIOR

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Procuram-se crianças para creche Rio Maior∑ Malaqueijo tem uma nova creche mas não existem crianças suficientes para funcionar A nova creche de Malaqueijo, no concelho de Rio Maior, está totalmente concluída e equipada, mas vazia, porque ainda não apareceram crianças em número suficiente para que entre em funcionamento. Para tentar resolver o problema, a Câmara Municipal convidou cerca de 60 casais da freguesia e arredores com filhos em idade para frequentar a creche para uma visita às instalações na sexta-feira, 26 de Novembro. “As pessoas nas freguesias rurais têm ainda outro tipo de organização familiar, e grande parte conta com o apoio dos avós e restante família, a quem podem deixar os seus filhos”, frisou ao nosso jornal a presidente da autarquia, Isaura Morais, explicando que esta iniciativa “não se tratou de uma inauguração, mas de uma visita para mostrar este equipamento à população, uma vez que é uma pena não estar em funcionamento”. No passado mês de Junho,

A Câmara convidou 60 casais da freguesia para inscreverem os seus filhos nesta creche a Junta de Freguesia tinha apenas 12 inscrições. A autarquia tem contado com o apoio da associação Malaqueijo Solidário, que, segundo a presidente Andreia Salmim, tem contactado várias famílias no sentido de lhes dar a conhecer a disponi-

bilidade do equipamento. A inauguração oficial, com a presença da secretária de Estado da Reabilitação, Idália Moniz, acabou por ocorrer apenas na creche da Chainça, onde já estão em funcionamento as salas para bebés com 1 e 2 anos. Cada

uma destas creches tem capacidade para 33 crianças, dos 4 meses aos 36 meses de idade. Uma vez que a abertura da creche foi possível através de um contrato de comodato entre a autarquia e a Santa Casa da Misericórdia de Rio Maior, a representan-

MUNICÍPIO DE CORUCHE

MUNICÍPIO DE CORUCHE

1.ª PUBLICAÇÃO

1.ª PUBLICAÇÃO

EXPROPRIAÇÃO Francisco Silvestre Oliveira, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Coruche, faz público que: Por deliberação de Câmara Municipal datada de 24 de Novembro de 2010 e atendendo à competência prevista nos artigos 19.º n.º 1 a) e b) do Dec. lei n.º 159/99 e 64.º n.º 2 f) da Lei n.º 169/99, foi determinado que para a execução da obra de “Construção do Núcleo Escolar de S. José da Lamarosa” é necessária a aquisição por via de expropriação, de um prédio , sito na freguesia de S. José da Lamarosa, Concelho de Coruche, a destacar do prédio inscrito na matriz predial sob o artigo 73.º - Secção I, da freguesia de S. José da Lamarosa e omisso na Conservatória do Registo Predial de Coruche, prédio esse que possui a área matricial descrita de 400 m2 e as seguintes confrontações: Norte: Escola da Lamarosa. Sul: Vários particulares. Nascente: Rua Padre Luís Antunes. Poente: Vários particulares. Não sendo conhecidos os titulares da referida parcela, nos termos do artigo 11.º, n.º 4 do Código das Expropriações aprovado pela Lei n.º 168/99, de 18 de Setembro, é utilizado este meio, para publicitar a existência de proposta de aquisição por via do direito privado do aludido prédio. O valor da proposta de aquisição é de € 8.287,78 (oito mil duzentos e oitenta e sete euros e setenta e oito cêntimos). Os últimos proprietários conhecidos da parcela cujo óbito já foi certificado eram, António Henriques e Maria Marcelina, cujas últimas moradas conhecidas são respectivamente, Cabecinhas e Lamarosa, da freguesia de S. José da Lamarosa, cujos herdeiros não foram identificados por inexistência de relação de bens ou escritura de habilitação de herdeiros. Para esclarecimentos sobre o conteúdo da proposta deverá ser contactada a Divisão de Administração Geral da Câmara Municipal de Coruche – Edifício dos Paços do Município, Praça da Liberdade. 2100-121 Coruche.

EXPROPRIAÇÃO DE PARCELA DE TERRENO PARA A EXECUÇÃO DA EMPREITADA DE CONSTRUÇÃO DO QUARTEL DOS BOMBEIROS DE CORUCHE Dr. Dionísio Simão Mendes, Presidente da Câmara Municipal de Coruche, torna público, para os efeitos do disposto no artigo 17.º, n.º 2 do Código das Expropriações aprovado pela Lei n.º 168/99 de 8 de Setembro, que por despacho de 27/10/2010, emitido pelo Sr. Secretário de Estado da Administração Local, publicado na 2.ª Série do Diário da República n.º 217 em 9/11/2010, foi determinada a declaração de utilidade pública com carácter de urgência, da expropriação da seguinte parcela de terreno necessária à execução da obra : Parcela com a área de 15.000 m2, sita na herdade da Agolada de Baixo, correspondente a parte do prédio inscrito na matriz predial sob o artigo número 7, das secções A5 a A7 da freguesia de Coruche e descrito na Conservatória do Registo Predial de Coruche, sob o número 01759/111188, propriedade de D. Maria Emília de Vasconcellos e Souza D’Andrade de Oliveira e Sousa. O presente edital é publicado porquanto foi devolvido o ofício n.º 11756 de 22/11/2010 enviado registado e com aviso de recepção à proprietária do prédio, acima identificada. Mais se torna público que, a vistoria “ad perpetuam rei memoriam” ocorrerá no próximo dia 7 de Dezembro de 2010 pelas 14.30 horas, no local da parcela a expropriar Foi efectuado o depósito prévio nos termos legais, no valor de € 13.768,13 (treze mil setecentos e sessenta e oito euros e treze cêntimos) à ordem da proprietária. Todos os interessados poderão obter informações sobre a expropriação a realizar, podendo contactar a Divisão de Administração Geral da Câmara Municipal de Coruche, pelo telefone 243610200.

O Vice Presidente da Câmara

O Presidente da Câmara

(Francisco Silvestre Oliveira)

(Dr. Dionísio Simão Mendes)

Coruche, 26 de Novembro de 2010

Coruche, de 30 de Novembro de 2010

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1309 de 3.12.2010)

te do governo destacou a importância das instituições sociais que, em parceria com o Estado, garantem as respostas necessárias à população. “Poucos o saberão, mas a Segurança Social transfere diariamente cerca de 3,2 milhões de euros em apoio indirecto às famílias, através das IPSS’s e organização do 3º sector da economia”, frisou Idália Moniz, explicando que nas últimas quatro décadas “criou-se uma rede solidária à qual, por vezes, não se dá o devido valor”. Segundo a secretária de Estado, em 2009, o governo, através da Segurança Social, transferiu cerca de 58,6 milhões de euros para o distrito de Santarém, em que 1,6 milhões de euros destinaram-se ao concelho de Rio Maior. Segundo Idália Moniz, nos últimos dois anos, foram lançados concursos para cerca de 500 novas creches, o que fará Portugal chegar aos 34,9% em termos de cobertura do território.

ÁGUA MAIS BARATA PARA QUEM GASTA MENOS EM RIO MAIOR A água no concelho de Rio Maior vai ficar mais barata para os pequenos consumidores, que são a grande maioria dos utilizadores da rede, e mais cara para os clientes com consumos mais elevados. A explicação foi dada pela Câmara Municipal, que apresentou na sexta-feira, 26 de Novembro, o novo tarifário que vai entrar em vigor no concelho, e que está em fase de discussão pública. Segundo Carlos Frazão, “grande parte da população consome entre 5 a 10 metros cúbicos por mês, precisamente o escalão mais baixo”. A factura mensal deverá aumentar para os que particulares que gastam mais água e para os utilizadores não domésticos, como é o caso da indústria e do comércio. “A autarquia vai introduzir dois escalões de consumo para os utilizadores não domésticos, a 75 cêntimos para os que não atingem 25m metros cúbicos, e de 1,50 euros para os que ultrapassam este volume.

MUNICÍPIO DE CORUCHE PLANO DE URBANIZAÇÃO DA HERDADE DOS FIDALGOS Dionísio Simão Mendes, Presidente da Câmara Municipal de Coruche torna público que a Câmara Municipal, na sua reunião de 24 de Novembro de 2010, deliberou, alterar a deliberação de Câmara datada de 5 de Novembro de 2008 no que respeita à área de abrangência do Plano de Urbanização da Herdade dos Fidalgos, a qual passará a ser a de apenas parte do prédio anteriormente abrangido com e ascenderá a 2 293, 60 hectares O Processo encontra-se disponível na Secção de Licenciamento de Obras Particulares da Câmara Municipal de Coruche, sito no edifício dos Paços do Concelho – Praça da Liberdade, em Coruche. Os interessados poderão, nos termos legais e pelo prazo de 15 dias, apresentar as suas sugestões para o email: “geral@cm-coruche.pt” ou por forma escrita para a morada da Câmara Municipal de Coruche – Praça da Liberdade 2100 – 121 Coruche . O Presidente da Câmara (Dr. Dionísio Simão Mendes)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1309 de 3.12.2010)

Coruche, 25 de Novembro de 2010 (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1309 de 3.12.2010)


CARTAXO | REGIÃO 19

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Museu do Vinho festejou 25 anos Cultura ∑ Museu conta com novo centro de documentação e núcleo de reservas visitáveis O Museu Rural e do Vinho do Concelho do Cartaxo comemorou, no dia 23, o 25.º aniversário. A data foi assinalada com a inauguração de uma exposição, intitulada “Cartaxo de Outros Tempos”, com a inauguração do Centro de Documentação e Núcleo de Reservas Visitáveis do Museu. As comemorações das “bodas de prata” deste espaço museológico do concelho do Cartaxo contaram com a presença do Director Regional da Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, João Soalheiro, Director Regional Adjunto da Agricultura, Paulo Corado, entre outros. Paulo Varanda, vereador da Cultura, enalteceu o trabalho desenvolvido pela actual equipa do museu, realçando também o contributo de todos aque-

A Director regional de Cultura considera Museu uma referência na região. les que valorizaram este projecto ao longo destes últimos 25 anos, destacando a importância que Maria José Campos teve “na fundação deste espaço museológico e na sua afirmação como lugar de tes-

temunho da nossa identidade”. O director regional da Cultura João Soalheiro classifica o museu como “uma referência para a cultura na região de Lisboa e Vale do Tejo”.

Com a inauguração do novo Centro de Documentação e do Núcleo de Reservas Visitáveis, “o museu reconquista um espaço que foi seu à nascença”, referiu Vítor Varela, director executivo do Museu. No Cen-

tro Documental pode ser consultada bibliografia relacionada com a agricultura, com destaque para o vinho e a vinha, assim como um vasto conjunto de publicações antigas que foram editadas no concelho. Já no novo Núcleo de Reservas, estão expostos e podem ser apreciados utensílios utilizados nas várias actividades artesanais associadas à agricultura e ao meio rural. Até dia 30 de Janeiro de 2011, está patente no Museu uma exposição que retrata as características de quatro profissões: carpinteiro, sapateiro, correeiro e alfaiate. O Museu apresentou também o seu novo Roteiro, no qual os visitantes podem conhecer a génese do Museu e acompanhar o seu percurso expositivo.

BOMBEIROS DO CARTAXO COMEMORAM 74º ANIVERSÁRIO Os Bombeiros Municipais do Cartaxo comemoraram, dia 27, o 74.º aniversário. As comemorações envolveram uma cerimónia oficial, na qual foram homenageados e condecorados Bombeiros da corporação, a completar as cerimónias a Fanfarra desfilou pelas ruas da cidade, e teve lugar um desfile apeado do corpo de Bombeiros, um desfile de viaturas pelas ruas da cidade e um almoço de convívio. O presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Paulo Caldas, elogiou o trabalho dos elementos da corporação afirmando que “todo e qualquer cêntimo investido nesta corporação é um cêntimo investido na segurança e no bem-estar dos nossos concidadãos. Não são cêntimos gastos, são cêntimos ganhos”.


20

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

região médio tejo Abrantes preserva espólio da Casa dos Marqueses

O espólio documental da Casa dos Marqueses de Abrantes foi formalmente depositado no Arquivo Municipal Eduardo Campos, após a assinatura de um protocolo entre a Câmara Municipal e o actual marquês de Abrantes, José de Lencastre e Távora. A assinatura do protocolo realizou-se no dia 26 de Novembro, no encerramento das Jornadas de História Local, na Biblioteca Municipal António Botto. O espólio contém uma vasta documentação que vai desde o século XV a finais do sé-

culo XX, tratando de vários assuntos. São documentos referentes a bens da casa de Abrantes; estudos inéditos; geneologias; inéditos literários; atribuições de títulos; documentos referentes a assuntos militares; documentos reais (originais e cópias), com destaque para documentos escritos por D. Miguel I; cópia em Latim do Foral de Abrantes; documentos referentes às igrejas de Abrantes; cópia do contrato celebrado entre a Rainha D. Maria II e a armada Britânica, entre outros.

Reflorestação em zona ardida com 660 novas árvores

Uma zona florestal ardida, na encosta norte da cidade de Abrantes, entre o açude insuflável e a cidade desportiva, recebeu 660 novas árvores, numa acção de reflorestação apoiada pela empresa RSA – Reciclagem de Sucata Abrantina. Foram plantados 160 sobreiros, 160 pinheiros mansos, 160 me-

dronheiros, 100 azinheiras e 80 castanheiros. Por cada veículo para abate entregue na RSA, a empresa oferece uma árvore para reflorestar esta área florestal. Já em 2009, a empresa abateu 1.154 veículos, tendo disponibilizado o mesmo número de árvores.

RENOVA INAUGUROU NOVO EDIFÍCIO EM TORRES NOVAS A Renova apresentou esta semana o novo edifício de apoio ao seu complexo fabril, em Torres Novas, um investimento de 1,5 milhões de euros que integra cantina e balneários. No caso da cantina, que pode ser utilizada em simultâneo por 200 trabalhadores – a Renova tem cerca de 600 -, a sala está dividida em duas zonas, uma para ‘self service’ e outra para refeições, e nas suas paredes brancas é possível ver alguns dos projetos artísticos da Renova.

TAGUS DIVULGA APOIOS DO QREN

A Pais compraram contentor para os filhos poderem ter aulas nesta escola

Leilão virtual para ajudar filhos Tomar∑ Pais da Linhaceira realizam iniciativa original A Associação de Pais da Escola EB1 da Linhaceira, no concelho de Tomar, é um exemplo de proactividade em defesa dos interesses dos filhos. Depois de já terem pago do seu bolso um contentor para possibilitarem aos filhos terem aulas de enriquecimento curricular (AEC) antes da construção do novo centro escolar, os pais desta aldeia voltam a inovar ao lançar um leilão virtual de ilustrações. As verbas angariadas com este leilão reverterão a favor do investimento feito pelos pais na compra do referido contentor. O leilão virtual decorre até às 24h próximo dia 15 de Dezembro no blogue da associação de pais em http://apaeli.blogspot. com. As ilustrações que vão a leilão são da autoria de Sandro Ferreira e fa-

zem parte do livro “O dia reio (após pagamento à em que choveu pétalas”, associação de pais). Os editado pela referida as- referidos desenhos são sociação de pais também emoldurados e a associacom o objectivo de anga- ção de pais classifica-os riar fundos. como “uma boa prenda de Os desenhos vão ter um Natal”. Também continua preço base de 15 euros e à venda o livro da autoria para as licitar basta enviar de Sandro Ferreira e Nuno um e-mail para o endereço Garcia Lopes, pelo preço apaeli@gmail.com com o de 4 euros, que pode ser número e nome da ilustra- pedido também através ção e o valor que está dis- do mesmo e-mail. posto a pagar por ela (acrescido dos dados pessoais e contactos). Os “vencedores” das melhores propostas podem depois levantar as suas ilustrações pessoalmente no ATL (contra pagamento em cheque ou dinheiro) ou podem receEsta é uma das ilustrações de bê-las por cor- Sandro Ferreira que está a leilão

A

Este sábado, dia 4, pelas 15h, a TAGUS - Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior vai realizar a sessão do concelho de Abrantes para divulgar os apoios do Programa Nacional de Desenvolvimento Rural (ProDeR). O evento terá lugar no edifício INOV.POINT, no Tecnopólo do Vale do Tejo, em Alferrarede. Esta é a segunda de três sessões, que têm como objectivo esclarecer dúvidas sobre as medidas do ProDeR. A TAGUS tem inscrições abertas para candidaturas comunitárias até ao dia 30 de Janeiro. A este pedido de apoio podem candidatar-se pequenos projectos empresariais, núcleos museológicos, serviços de apoio a crianças, idosos e população em geral, entre outros.

ENCONTRO “SER VOLUNTÁRIO” A Direcção Regional de Lisboa e Vale do Tejo do Instituto Português da Juventude, I.P, realiza nos dias 4 e 5 de Dezembro o II Encontro “Ser Voluntário entre o Tejo e o Sado”, a ter lugar Pousada de Juventude de Abrantes.


21

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Instituto Politécnico de Santarém

politécnico

Integram o Instituto Politécnico a Escola Superior Agrária de Santarém, Escola Superior de Educação de Santarém, Escola Superior de Desporto de Rio Maior, Escola Superior de Saúde de Santarém e Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém

A “Como podemos tratar os conflitos tornando-os em energia positiva” deu o pontapé de partida para o fórum

ESES organiza fórum de mediação Conflitos ∑ forma de lidar com conflitos ganhou destaque durante o 2º fórum de mediação A Escola Superior de Educação (ESES), do Instituto Politécnico de Santarém realizou no passado dia 26 de Novembro, o segundo Fórum de Mediação. Uma iniciativa que contou com a participação de Carla Lopes, coodenadora da pós-graduação em mediação familiar e Jean Campiche, director da ESES, Mumtaz Sadruddin, presidente da His Highness Prince Aga Khan

Imami Ismaili Conciliation and Arbitration Board de Portugal, Isabel oliveira, mediadora de conflitos e coordenadora científica da Consensus e ainda Sónia Seixas, sub-directora da ESES e investigadora. Em debate estiveram a “forma como devem ser tratados e acolhidos os conflitos, uma vez que as divergências são parte integrante do nosso quotidiano e a solução destes conflitos só serão resolvi-

dos consoante o caminho que queiramos seguir” afirmou Carla Lopes. Já Mumtaz Sadruddin abordou o tema da “Mediação e Interculturalidade” numa óptica inserida na comunidade ismaelita e que desde a época do profeta Muhammad aplica os princípios da mediação, respeitando o “próprio e o outro, porque todos temos direitos”. Isabel Oliveira abordou a “Mediação Escolar – construindo pontes

para o futuro”, revelando que não há conflito escolar, mas sim, conflito e violência em contexto escolar e que “quando falamos em mediação não basta acreditar, há que agir e viceversa”. Por sua vez, Sónia Seixas também docente da ESES abordou a temática da mediação, quando falamos de “comportamentos de Bullying e conflitos na escola”. Um fórum que envolveu alunos e professores,

aprofundando a temática da gestão de conflitos em contexto escolar, um as-

sunto que tem ganho cada vez mais relevo na sociedade actual.

“Mediar não é educar mas compreender e ajudar nos problemas”

∑ Oradoras deram a conhecer experiências pessoais e actuações profissionais na área da mediação de conflitos, a sua maioria em contexto escolar e que têm uma clara incidência na vida das pessoas, das famílias e das comunidades.

Alunos da ESGTS em campanha de sensibilização

Encontro de antigos alunos da ESDRM

Os alunos concorrentes à Associação de Estudantes da Escola Superior de Gestão e Tecnologias de Santarém, da Lista L, juntaram-se no passado dia 22 de Novembro à Abraço e lançaram-se numa campanha de prevenção com a entrega de preservativos aos alunos da sua escola. Mais uma proposta de campanha de sensibilização e prevenção para

A Escola Superior de Desporto de Rio Maior (ESDRM) realiza dia 4 de Dezembro, o primeiro encontro de antigos alunos da ESDRM. A iniciativa começa às 14h30, com concentração no complexo desportivo, seguindo-se uma tarde dedicada ao desporto com várias actividades em diversas modalidades. Às 20h30 tem inicio o primeiro jantar

a vida que os alunos juntaram ao seu manifesto, uma iniciativa pautada pelo êxito e cuja lista considera importante pois “verificarmos que existem alunos preocupados com o que se passa ao seu redor, bem como a consciência que têm da sociedade em que estão inseridos, no meio universitário, em que a doença não escolhe caras nem idades!”.

convívio dos antigos alunos, na Quinta do Lusitano. Para quem não tem transporte, este será assegurado através de um autocarro e cuja concentração está marcada para as 19h00, na Praça da República. Às 23h30 começa o baile com animação de Paulo Montez. Inscrições e informações através do email 3asesdrm@esdrm.ipsantarem.pt


22

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

negócios Coruche lidera projecto para montado de sobro

A Joaquim Mendes abriu em Santarém aquela que é a 9ª loja JOM de todo o país

JOM abre novo espaço comercial em Santarém Investimento ∑ 5 milhões de euros em espaço comercial dedicado ao lar O mais recente espaço comercial do grupo JOM, abriu em Santarém, em plena Estrada Nacional 3, em frente ao CNEMA, no passado dia 27 de Novembro. Uma nova loja cujo investimento rondou os cinco milhões de euros e dará emprego a cerca de 30 pessoas da região. “Tudo para o seu lar” é o lema deste novo espaço, onde o cliente poderá encontrar os mais variados produtos para a sua casa ou escritório, desde mobiliário, electrodomésticos, iluminação, decoração, têxteis e muito mais, em diversas linhas clássicas e modernas, de modo a agradar a todos os tipos de clientes. Uma nova loja em Santarém, mas a nona do grupo, que tem apostado principalmente no norte do país para fazer crescer o negócio, e que abriu as portas numa pré-inauguração, contando com a presença de Joaquim Mendes (proprietário) e sua família, João Leite, vereador da Câmara Municipal de Santa-

rém, Nuno Ferreira, presidente da Junta de Freguesia de São Nicolau e ainda do padre Manuel Borges que abençoou o novo espaço. Segundo o proprietário, Joaquim Mendes, “inauguramos agora, a Jom Santarém com ambição renovada e uma grande reflexão sobre o potencial deste mercado e grande perspectiva ao nível da localização geográfica. Abrir uma loja, não é simplesmente abrir as portas de um novo espaço comercial e enche-la de pessoas, mas sim, resgatar o sucesso de um povo, é trazer a esperança de um futuro melhor para todos, é o acreditar que a crise é vencível.” Por sua vez,

Nuno Ferreira, presidente da Junta de Freguesia de São Nicolau, em Santarém e freguesia em que se insere a Jom Santarém, considera que “numa altura em que a crise está instalada, haver empresários que se aventuram numa estrutura destas revela grande capacidade empreendedora e coragem e que apesar dos êxitos e de poder se acomodar, vemos que o Joaquim Mendes continua com uma capacidade de criação e de instalação que permite dinamizar diversas zonas do pais, criar emprego e oportunidades para a população em geral.” Já João Leite, vereador da Câmara Municipal de

Espaço JOM de Santarém cria 30 novos postos de trabalho

∑”Chegamos ao fim de mais uma meta, a construção, e é o princípio de mais um projecto que esperamos que seja de grande sucesso pela tipologia de loja que criamos, com uma grande variedade de produtos para o lar de todos.”.

Santarém afirmou que “este investimento também é fruto da estratégia que o presidente Moita Flores definiu para o desenvolvimento e crescimento de Santarém. Hoje, temos um concelho mais forte e determinado, que aposta nos espaços públicos, na educação, no ambiente e que faz com que Santarém se afirme a nível regional e também a nível nacional. Por isto, tenho a certeza que o Joaquim Mendes investiu em Santarém, porque este concelho tem uma dinâmica diferente e um concelho mais apelativo.” O Proprietário da nova loja referiu ainda que “hoje vencemos mais uma etapa, pois olhamos a vida através do pára-brisas e não do retrovisor, e esta loja é a prova.” Um espaço comercial inovador, com uma grande e diversificada gama de produtos, acessíveis e para todos os bolsos, um “espaço que vai enriquecer Santarém pela qualidade que apresenta.”.

A Câmara de Coruche lidera um projecto para a criação de uma Estratégia de Eficiência Colectiva (EEC) PROVERE, designado “O montado de sobro e Cortiça”. No âmbito deste projecto foi criado o site www.omontadodesobroecortica.com, que dará suporte aos objectivos e acções decorrentes desta iniciativa. Este projecto, que está a ser desenvolvido no Observatório do Sobreiro e da Cortiça em Coruche, visa criar “um território de novas oportunidades, capaz de alavancar novos factores de desenvolvimento e competitividade”, refere

uma nota da autarquia. Para além do município de Coruche, o projecto tem como parceiros os município de Portel, Vendas Novas, APCOR, Abrigo do Outeiro , Amorim & Irmãos, S.A., Amorim Isolamentos, S.A., Companhia das Lezírias, Corkart – Indústria de Cortiças, Faculdade de Arquitectura da UniversidadeTécnica de Lisboa (FAUTL), Instituto Nacional de Recursos Biológicos, Matcork, Pinas, Irias e Barra, PortelCork, Santa Casa da Misericórdia de Canha, Starcork, Texcork - Indústria de Cortiças e a União da Floresta Mediterrânica (UNAC).

Águas do Ribatejo investe 4 milhões em ETAR’s As obras dos sistemas de abastecimento de água e saneamento nos municípios de Almeirim e Alpiarça, avaliadas em mais de quatro milhões de euros, estão praticamente concluídas e os novos equipamentos e infra-estruturas entram em funcionamento no início de 2011. O anúncio foi feito pelo director-geral da empresa, José António Moura de Campos num seminário realizado no dia 26 de Novembro em Almeirim. A nova ETAR Almeirim/ Alpiarça está equipada com os mais modernos sistemas de tratamento de águas residuais. A obra foi realizada pela empresa Oliveiras SA e inclui as estações elevatórias de Alpiarça e Casal dos Gagos; Fazendas de Almeirim, Frade de Cima e Frade de Baixo e o emissário e sistema elevatório da Zona Industrial de Alpiarça. A inter-

venção global custou cerca de 3 milhões de euros e está programada para servir uma população de 25732 habitantes nos concelhos de Almeirim e Alpiarça. Na área do abastecimento de água, estão em fase de conclusão as obras nos sistemas de abastecimento de Alpiarça e Fazendas de Almeirim/Frade de Cima. A intervenção custou 1,7 milhões de euros e incluiu os novos reservatórios de Alpiarça, Casalinho, Fazendas de Almeirim e Paço dos Negros; os sistemas elevatórios e cerca de 20 km de conduta adutora. A prevê que esta obra fique pronta até ao final de Dezembro, com excepção do reservatório de Paço dos Negros cuja conclusão está dependente do desvio de uma linha de energia eléctrica por parte da EDP, prevendo-se a conclusão da obra dois meses após a concretização do desvio.


INVESTIR & AGIR | NEGÓCIOS 23

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

6ª FASE DO MODCOM JÁ ABRIU

Tagusgás simula acidente com gás Alpiarça ∑ Bombeiros aprenderam como lidar melhor com acidentes com gás natural A distribuidora de gás natural na região, a Tagusgás, realizou esta semana um simulacro de acidentes possíveis de ocorrer na Unidade Autónoma de Re-Gaseificação de Alpiarça (UAG). O objectivo desta acção, que durou dois dias, foi o de formar e informar os bombeiros das corporações de Alpiarça e também de Almeirim. Um dos simulacros envolveu um acidente com o derrame de gás liquefeito (conservado a 160 graus negativos) aquando da sua transferência para a UAG devido à ruptura de uma mangueira. Neste caso, verificou-se uma vítima, o motorista do camião, que escorregou na “poça” de gás derramado (que fica semelhante a gelo) e bateu com a cabeça. O motorista ficou ainda com queimaduras criogénicas nos

A Os bombeiros de Alpiarça combateram a fuga de gás liquefeito com recurso a uma nuvem de água membros inferiores devido ao contacto o gás liquefeito a temperaturas negativas. Para combater este acidente, os bombeiros de Alpiarça tiveram que criar uma cortina de água para dispersar os eventuais gases libertados pela ruptura da mangueira e pelo der-

rame do gás natural liquefeito. Depois accionaram a válvula de segurança do camião para estancar o derrame e socorreram a vítima que foi transportada para uma ambulância presente no local. Este tipo de acidente é um dos mais prováveis de ocorrer, segundo o técnico da Tagus-

gás presente local. Outro dos acidentes simulados foi o de uma fuga de gás incendiada que teve que ser combatida com pó químico em vez de água. A UAG de Alpiarça está a funcionar há cerca de 3 anos e abastece a vila e o concelho vizinho de Almeirim, tanto a nível de

clientes domésticos como clientes industriais. Em Alpiarça, a Tagusgás construiu uma rede que abastece 250 clientes. Em Almeirim, a rede estende-se por 14km e chega a 1300 clientes. Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt

Abriu no dia 22 de Novembro a 6ª fase de candidaturas ao Sistema de Incentivos à Modernização do Comércio – MODCOM, que tem um orçamento de 10 milhões de euros. Esta fase destinase a candidaturas aprovadas não seleccionadas nas fases anteriores. O incentivo contempla três tipos de acções: Acção A - Lojas individuais e conjuntos de modernização comercial; Acção B – Lojas em rede que pretendam, por exemplo, adoptar uma insígnia comum; Acção C – Estruturas associativas do sector do comércio.Os projectos contam com uma taxa de incentivo a fundo perdido de 45% das despesas no caso das lojas individuais, de 50% nos projectos empresariais integrados e de 60% para as associações. Nas cinco fases anteriores do MODCOM o Governo disponibilizou um total de 134 milhões de euros a fundo perdido para a revitalização do comércio.

Emprego & Formação

Desemprego: voluntário ou involuntário? Conforme tinha sido anunciado, na passada Quinta-feira realizou-se a última sessão de 2010 do evento “Tardes do Emprego”. As “Tardes do Emprego”, ao resultarem de um parceria entre a PMEConsult e a Bolsa de Emprego da Câmara Municipal de Santarém, têm como principal objectivo aproximar potenciais empregadores e candidatos à procura de novas oportunidades de emprego. Ora, nesta sessão, apesar do dinamismo que foi criado pela vinda de novas empresas que se quiseram juntar ao projecto e apesar da grande divulgação que foi feita do evento, ficámos com a sensação que os objectivos ficaram muito aquém daquilo que seria esperar. As empresas presentes tinham ofertas diversas, que iam desde o trabalho qualificado ao trabalho menos qualificado, todavia, a maioria destas ofertas não foi preenchida. A razão prende-se com o facto de muitos dos candi-

datos ou não terem competências nas áreas pretendidas ou estarem apenas à procura de um “carimbo” para justificarem a procura de emprego, perante os Centros de Emprego. Na verdade, as entidades presentes, nomeadamente aquelas que trabalham com trabalhadores indiferenciados, referiram que estão com muita dificuldade em preencher as ofertas que têm. Muitos dos emigrantes, nomeadamente mão-de-obra brasileira e de países da Europa do Leste têm abandonado a região e mesmo o país, e os portugueses, enquanto tiverem o suporte do subsídio de desemprego, não aceitam as ofertas disponíveis. Foram relatadas diversas situações de desempregados de longa duração que recusam ofertas porque têm subsídio de desemprego e só quando este termina se predispõem a aceitar essas ofertas. A situação é grave, tanto mais que se constata que as entidades competentes não estão dotadas

de ferramentas que permitam resolver o problema e elas próprias têm muita dificuldade em responder aos pedidos de ajuda das entidades empregadoras. Para mim, enquanto representante da PMEConsult neste evento, fica a ideia de que ser desempregado se tornou num novo modo de “emprego”. Algumas pessoas referem que, enquanto o subsídio de desemprego durar, vão aproveitar, é como se estivessem a gerir um contrato a termo certo, que sabem que vai terminar. Se para alguns trabalhadores encontramos esta postura, para outros, nomeadamente os jovens licenciados à procura do primeiro emprego, encontramos uma postura de submissão e de resignação a uma situação para a qual parece não haver saída. Muitos deles confessam que escondem algumas habilitações para conseguirem ser aceites em determinadas funções, para as quais seriam considerados demasiadamente qualificados.

Para esta situação, não há soluções mágicas, mas há, certamente, algumas boas soluções que poderiam facilitar a empregabilidade. E, se nesta questão de emprego, tal como outras, o que se precisa é acima de tudo de uma mudança de mentalidades e essa vai demorar anos a conseguir-se, perguntome por que motivo as entidades competentes não têm promovido medidas que acelerem o processo de regresso dos desempregados ao mundo laboral? A situação económica nacional continua a ser preocupante, estamos coagidos, por uma política europeia que cada vez acentua mais as diferenças entre os países do Norte e do Sul. Por exemplo, enquanto a Alemanha tem a taxa de desemprego mais baixa desde 1992 (7,5%), Portugal está no quarto lugar entre os países com taxa de desemprego mais elevadas na União Europeia, só sendo ultrapassado pela Irlanda com 14,1%, pela Eslováquia com

Florinda Matos(*)

14,7% e pela Espanha com 20,7%. Se não tomarmos as medidas adequadas, se não estimularmos a economia e não revitalizarmos o mercado do trabalho, as diferenças ainda se vão acentuar mais e Portugal vai continuar a descer no ranking dos países europeus menos desenvolvidos. Deixo aqui a mensagem: As “Tardes do Emprego” vão voltar em Janeiro, trazendo mais iniciativas que visam ajudar a diminuir o desemprego e a promover o empreendedorismo, na região de Santarém. Docente /Investigadora Consultora PMEConsult (florinda.matos@pmeconsult.pt)


24

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

desporto Z

LIGA DE HONRA

9ª jornada

10ª jornada (5 Dezembro) Arouca Stª Clara Feirense Sp. Covilhã Gil Vicente Trofense Freamunde Leixões

Varzim Estoril Moreirense Penafiel Oliveirense Belenenses Aves Fátima

Z

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12. 13. 14. 15. 16.

Arouca Trofense Gil Vicente Penafiel Leixões Oliveirense Sp. Covilhã Estoril Feirense Varzim Santa Clara Moreirense Desp. Aves Freamunde Fátima Belenenses

9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9

4 4 4 4 3 3 4 3 3 2 3 3 2 1 2 1

4 4 4 2 4 4 1 3 3 5 2 2 3 5 2 4

1 1 1 3 2 2 4 3 3 2 4 4 4 3 5 4

GOLOS

15-7 11-7 10-8 12-12 9-8 13-13 11-15 11-8 10-9 10-9 9-8 5-8 9-9 8-10 10-16 8-14

PONTOS

DERROTAS

0 1 2 1 1 1 0 2

EMPATADOS

Feirense Arouca Freamunde Leixões Trofense Gil Vicente Stª Clara Sp. Covilhã

JOGOS

2 0 2 0 1 1 2 0

VITÓRIAS

Classificação

Varzim Penafiel Fátima Estoril Aves Moreirense Oliveirense Belenenses

16 16 16 14 13 13 13 12 12 11 11 11 9 8 8 7

3ª DIVISÃO NACIONAL - SÉRIE D

9ª jornada

10ª jornada (5 Dezembro) BC Branco Monsanto At. Riachense Tocha Marinhense Vigor

Sourense Oliv. Bairro Nogueirense Ac. Viseu Gândara Ág. Moradal

Z

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12.

Monsanto Nogueirense Atl. Riachense Oliv. Bairro Sourense Ac. Viseu Bf. C. Branco Tocha Marinhense Ág. Moradal Vigor Gândara

9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9 9

7 5 5 5 4 4 3 4 3 3 2 0

0 3 2 2 1 1 4 0 2 1 2 0

2 1 2 2 4 4 2 5 4 5 5 9

23-6 18-6 22-11 12-10 14-11 17-15 12-13 15-13 6-7 11-11 10-19 1-39

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

2 0 3 6 0 1

EMPATADOS

Sourense Monsanto At. Riachense Tocha Marinhense Vigor

JOGOS

2 1 2 0 1 1

VITÓRIAS

Classificação

Oliv. Bairro Nogueirense Ac. Viseu Gândara Ág. Moradal BC Branco

21 18 17 17 13 13 13 12 11 10 8 0

DISTRITAL - DIVISÃO PRINCIPAL

12ª jornada

13ª jornada (5 Dezembro) Samora Amiense Cartaxo Pego Ouriense U. Tomar

Torres Novas Fazendense Alcanenense Ouriquense Benavente Mação

Z

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12.

Cartaxo Fazendense Pego Maçâo Torres Novas Ouriense Alcanenense Benavente U. Tomar Samora Amiense Ouriquense

12 12 12 12 12 12 12 12 12 12 12 12

8 6 5 5 4 4 4 4 3 2 2 1

3 3 5 3 6 6 4 4 4 4 2 4

1 3 2 4 2 2 4 4 5 6 8 7

19-8 19-11 12-11 21-11 13-7 11-12 13-12 10-11 15-18 11-20 6-15 6-20

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

1 2 0 2 0 0

EMPATADOS

Amiense Cartaxo Pego Ouriense U. Tomar Samora

JOGOS

1 1 1 1 1 5

VITÓRIAS

Classificação

Torres Novas Fazendense Alcanenense Ouriquense Benavente Mação

27 21 20 18 18 18 16 16 13 10 8 7

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - SÉRIE A

8ª jornada

9ª jornada (5 Dezembro) U. Chamusca Goleganense Meiaviense Alferrarede Folga o Atalaiense

Ferroviária U. Abrantina F. Zêzere Tramagal

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9.

U. Abrantina F. Zêzere Goleganense Meiaviense Tramagal C. Ferroviária U. Chamusca Atalaiense Alferrarede

7 7 7 7 7 7 7 8 7

7 4 3 3 3 2 1 1 0

0 2 4 1 1 3 2 2 1

0 1 0 3 3 2 4 5 6

13-2 14-8 14-6 10-9 12-13 12-7 9-16 5-14 4-18

TRESPASSA-SE

CAFÉ EM

S. JOÃO DA RIBEIRA CONTACTO:

(RIO MAIOR)

243 949 159

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

0 0 2 0

EMPATADOS

JOGOS

Goleganense Meiaviense Alferrarede Atalaiense

VITÓRIAS

Classificação

Ferroviária 0 U. Abrantina 1 F. Zêzere 3 Tramagal 2 Folgou o U. Chamusca

21 14 13 10 10 9 5 5 1

A Ac. Viseu-Riachense: a primeira vitória fora da equipa de Riachos e a subida ao 3.º lugar. 3ª Nacional - Série D

Riachense já é terceiro A inaugurar uma dura campanha de embates entre as equipas mais fortes, o Riachense venceu pela primeira vez fora e atirou o Académico de Viseu para o 7.º lugar. O “matador” Santana voltou a estar em destaque ao marcar dois dos três golos riachenses. No entanto, o momento crucial do jogo foi o pénalti convertido em golo por Bruno Lemos, lance

donde resultou a expulsão de um elemento viseense e o empate do Riachense. Depois veio então o golo vitorioso de Santana. Por este caminho, o Riachense arrisca-se a terminar a época na melhor classificação de sempre. Mais a norte, em Nogueira do Cravo, o Monsanto falhou a oportunidade de consolidar a liderança, num jogo que não se adivinhava fá-

cil. O Nogueirense ocupou a liderança nas primeiras cinco jornadas e, depois de alguns reveses nas últimas, voltou a provar que o Monsanto não está só na corrida à subida. Ainda assim, a equipa de Rui Gorriz não ficou em perigo de perder a liderança, mantendo três pontos de vantagem. Domingo, a 10.ª jornada traz mais duas difíceis provas aos ribatejanos que

poderão resultar em felicidade para quem puxa pelos emblemas do distrito. Em caso de vitórias acontece o seguinte cenário: o Monsanto consolida a liderança e o Riachense isolase no 2.º lugar. O Monsanto recebe o Oliveira do Bairro, que já não perde desde a 3.ª jornada. O Riachense recebe o Nogueirense no invencível Campo Coronel Mário Cunha.

Liga de Honra

Fátima perde nos minutos finais Depois da chicotada psicológica, o primeiro jogo de João Sousa aos comandos do Fátima terminou empatado. O teste era com o Freamunde, uma das equipas que seguiam empatadas no último lugar com o

Fátima. Maranhão colocou os visitantes em vantagem mas Mauro Bastos e Mário Rui deram a volta ao marcador. Para a história deste jogo fica o final do jogo, nomeadamente os golos falhados,

com que o Fátima poderia ter matado o jogo, e o golo do empate do Freamunde, a surgir na última jogada da partida. Um empate que pode servir de “abre-olhos” à turma ribatejana, que já leva sete

jogos sem vencer. Para a 10.ª jornada, o Fátima vai a Matosinhos defrontar o Leixões, que apesar de estar a atravessar um período menos bom, é uma das equipas mais fortes do campeonato.


FUTEBOL | DESPORTO 25

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Distrital - Divisão Principal

Cartaxo vitorioso em Fazendas Começada a segunda volta da fase inicial do campeonato, corre tudo a preceito para o Cartaxo, que em duas jornadas ganhou seis pontos ao seu mais próximo concorrente. O feito ganhou ainda mais significado por ter sido fruto de duas vitórias obtidas em casa de duas fortes equipas; primeiro em Torres Novas e depois em Fazendas de Almeirim. Com duas derrotas seguidas, o Fazendense não perdeu o 2.º lugar (apesar de já estar a sete pontos do Cartaxo), graças à derrota do Pego em Alcanena. Em movimentos opostos, os pegachos averbaram a sua segunda derrota no campeonato, enquanto o Alcanenense confirma uma incrível recuperação encetada há meia dúzia de jornadas. O Alcanenense está a meio da tabela, onde tudo está muito renhido. O Mação, a equipa mais goleadora (21 golos em 12 jogos) num

A O Alcanenense vingou-se do jogo da primeira volta e os pegachos perderam, oito jogos depois. campeonato pobre neste aspecto, o Mação sobe com mérito ao 4.º lugar depois de protagonizar mais um resultado estrondoso: 5-0 ante o Samora. Trocou com o Torres Novas, que voltou a patinar e apanhou o Ouriense na lista dos

maiores empatas. Desta vez o Desportivo orientado por João Henriques cedeu pontos ao Amiense, a equipa com mais derrotas sofridas até agora. Já o Ouriense, fez o que não conseguiu fazer em casa na primeira volta, ou seja, derrotar o

ARSLVT Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, I.P.

ACES RIBATEJO

Ministério da Saúde

NOTA INFORMATIVA

Entrada em funcionamento da Unidade de Saúde Familiar “Campus Saúde” (Golegã – Azinhaga – Pombalinho) Os Cuidados de Saúde Primários baseiam a sua organização de prestação de cuidados de saúde em unidades funcionais. Entre estas existe a Unidade de Saúde Familiar, (U.S.F.), que assenta a prestação de cuidados numa equipa multidisciplinar a quem compete garantir a acessibilidade aos cuidados de saúde individuais, a todos os utentes nela inscritos. Informa-se que a partir de 15 de Dezembro de 2010, no ACES Ribatejo, é constituída mais uma USF, com a designação de CampuSaúde, que funcionará todos os dias úteis entre as 9 e as 20 horas, e que abrange a população inscrita de todo o concelho da Golegã e da freguesia do Pombalinho do concelho de Santarém, com atendimento nas unidades de Saúde de Azinhaga, Golegã e Pombalinho. Santarém, 29 de Novembro de 2010 O Director Executivo Carlos M. M. Ferreira

Ouriquense, o que toda a gente tem logrado fazer. Entre Benavente e U. Tomar, duas equipas sensivelmente do mesmo nível, os ventos da bonança voltaram a ser favoráveis aos homens da Lezíria, tal como na primeira volta.

Depois de amanhã, o Cartaxo volta a ser favorito em casa, não obstante o Alcanenense estar embalado e às portas do 6.º lugar. O Fazendense deverá apostar tudo no ataque em Amiais de Baixo, pois candidato que se preze não pode estar três jogos sem pontuar. No entanto, e apesar da época menos boa dos amienses, as viagens ao “inferno” do Campo da Azenha não costumam deixar boas memórias aos visitantes. O Pego pode e deverá aproveitar a recepção ao Ouriquense para voltar às vitórias, enquanto o Mação de Paulo Costa vai querer mostrar que as goleadas não têm aparecido por acaso frente ao U. Tomar de Eduardo Fortes. O Torres Novas quer afastar a sombra dos empates e é favorito em Samora Correia. Em Ourém, recebe-se o Benavente num jogo de resultado bastante difícil de prever.


26 DESPORTO | MODALIDADES

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Futebol

Distrital - Divisão Secundária

Taça do Ribatejo está de volta

Abrantina não dá hipótese

Quarta-feira , dia 8 de Dezembro, é tempo da 3.ª e última jornada da fase de grupos da Taça Ribatejo. Os jogos são os seguintes: Série 1: U. Chamusca-Pego Série 2: Peres-Amiens Série 3: OuriquenseEmp. Comércio Série 4 : C. Ferroviária-Ferreira do Zêzere Série 5: Mação-U.

Abrantina Série 6: Meiaviense-Torres Novas Série 7: Alcanenense-Goleganense nSérie 8: CercalOuriense Caxarias-Vasco da Gama Série 9: Benavente-Barrosense Série 10: Samora-Salvaterrense Série 11: Coruchense-U. Almeirim Série 12: Cartaxo-Pontével.

Hóquei em patins

Hóquei de Santarém somou 3 vitórias O Hóquei Clube de Santarém realizou 4 jogos e obteve três vitórias e uma derrota, no passado fimde-semana. Os juvenis terminaram o campeonato da primeira fase com apenas uma derrota por 7-3 frente ao líder isolado, o Sporting de Tomar, que só tem vitórias. Os jovens escalabitanos bateram-se muito bem, mas a maior maturidade da equipa adversária foi sempre superior, tendo-se traduzido por uma vitória que possivelmente seria maior caso o Tomar não tivesse desacelerado quando chegou aos 7-0. Nessa fase o HCS equilibrou tendo marcado 3 golos o que na verdade foram consentidos devido às substituições dos nabantinos. Os infantis terminaram a 1ª fase do campeonato invictos, conquistando o 1º lugar do grupo. No entanto, a vitória frente ao Alcobaça por 6-4 foi

sem dúvida a mais difícil, tendo estado inclusive a perder na segunda parte. Provaram ser superiores mas ficaram indicações que para serem campeões precisam de trabalhar mais, pois não há campeões antecipados. Com os iniciados, após a vitória por 10-3 frente à Académica de Coimbra, continuam intactas as possibilidades de conquistar o 2º lugar que dá acesso ao campeonato nacional. Faltam 3 jogos onde o calendário é favorável aos escalabitanos em relação à outra equipa concorrente ao nacional, o Vigor e Mocidade de Coimbra. Os mais pequenos foram jogar a Valado dos Frades tendo ganho por 8-4 continuando desta forma a sua aprendizagem. Esta época esta equipa ainda não sentiu o sabor da derrota revelando alguns bons momentos de cultura hoquista.

O Meiaviense foi ao Municipal de Abrantes decidido em roubar os primeiros pontos ao líder. Veio de lá com uma derrota, mas não foi nenhuma pêra doce para o U. Abrantina, que desde a jornada de arranque não marcava apenas um golo. A equipa de Nuno Gomes segue descansada na frente com sete pontos de avanço. O avanço do líder ficou ainda maior nesta 8.ª jornada devido ao empate do Goleganense no Entroncamento, reduto do Cidade Ferroviária. Aproveitou da melhor maneira o Ferreira do Zêzere para subir ao 2.º lugar, depois de vencer tangencialmente o depauperado Alferrarede. Depois de desperdiçar uma carrada de pontos, o Tramagal também regressou às vitórias, por sua vez frente

A Goleganense-U.Chamusca: Chamusquenses

refrearam o ímpeto ganhador dos goleganenses. ao Atalaiense, equipa que já está no penúltimo lugar, empatado com o U. Chamusca, que folgou. No domingo folga o Atalaiense, enquanto há dois jogos interessantes na luta pelo topo. Os unionistas de Abrantes vão �� Golegã (que já não vence há duas jornadas) e o Ferreira do Zêzere joga no campo do Operário Meiavien-

se. Em busca de nova vitória, o Tramagal vai a Alferrarede e o Ferroviária à Chamusca.

Séries B e D Depois do interregno do calendário, a série B regressa para colocar a liderança em xeque; o Moçarriense, comandante, vai a casa do Caxarias, que está no 3.º lugar apenas 2 pon-

tos atrás, enquanto o Mindense, a um ponto, joga no reduto do Empregados do Comércio, que está em 4.º, a três pontos. Tudo ainda muito indefinido, portanto. Há ainda o Cercal-Assentis e o Pernes-Vasco da Gama. Na série C, o Porto Alto está de pedra e cal na liderança e vai a Coruche (6.º classificado) jogar com uma equipa cuja recuperação ainda está por vir. O Salvaterrense está em 2.º lugar e joga com o Glória num dérbi de motivações reforçadas, uma vez que apenas dois pontos os separam. O Marinhais também está perto do 2.º lugar mas joga em Pontével, que também está apenas um ponto abaixo. Tudo muito renhido portanto. Por fim, o Barrosense, em último, vai a Almeirim, cujo União está em penúltimo.

SANTARÉM BASKET COM TRÊS VITÓRIAS

Triatlo dos Águias fez festa de encerramento da época A Secção de Triatlo do Clube Desportivo “Os Águias” de Alpiarça reuniu no passado dia 27 de Novembro, os triatletas, técnicos, seccionistas, familiares e alguns convidados para marcarem o final de época, apresentarem os sucessos desportivos alcançados e destacarem também momentos de partilha, convívio e amizade que se gerou ao longo da época desporti-

va 2010 entre toda a família do triatlo. De entre os convidados estiveram presentes o presidente da Câmara de Alpiarça Mário Pereira, o vereador do Desporto, a presidente da Junta de Freguesia como parceiros e apoiantes do projecto Triatlo em Alpiarça. Uma presença especial na festa foram os “padrinhos” da equipa, Carlos

Arsénio jornalista desportivo, e Marco Chagas ex ciclista do Clube. Todos contemplaram a equipa com breves palavras carregadas de muito apoio ao trabalho que se tem vindo a desenvolver e votos de sucesso para o futuro. No final um pequeno lanche, da responsabilidade de todas as famílias envolvidas, promoveu um convívio entre todos.

No campeonato nacional da 1ª divisão, a equipa de seniores femininas do Santarém Basket perdeu com o CPN, por 55-42. Nos campeonatos distritais, a equipa feminina de sub-19 venceu a UDR Zona Alta por 58-49. As sub-16 perderam com a UDR Zona Alta, por 53-24, as sub-12 venceram o Mindense por 59-14. e a equipa masculina de sub-14 venceu no Benavente BC por 71-45. No sábado a equipa sub-14 masculina do Santarém Basket joga às 11h00 em Santa rém com o R io Maior Basket; as sub16 femininas jogam às 14h30 com o Rio Maior Basket; as seniores femininas defrontam no pavilhão desportivo de Santarém a equipa do Algueirão; e no domingo as sub-14 femininas deslocam-se ao CN Abrantes.


O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Empresa Municipal de desporto de Rio Maior

Desmor com orçamento reduzido A Câmara Municipal de Rio Maior aprovou na sua última reunião o orçamento da Desmor - empresa municipal de desporto para o ano 2011. A administração da Desmor afirmou-se “sensível às dificuldades que o seu accionista – o Município de Rio Maior – atravessa e atravessará, fez o seu melhor esforço e trabalho para reduzir o montante do contrato-programa, reduzindo a transferência de verbas da Câmara Mu-

nicipal de Rio Maior para esta empresa municipal”. O orçamento aprovado tem como base um contrato-programa com um valor bastante inferior a 2010. O valor proposto é reduzido em cerca de 170.000 euros, ou seja, menos 19,5%. Do total de 2,2 milhões de euros de orçamento, 1,5 milhões são receitas próprias. No total, apresenta-se uma redução em cerca de 223.000 nas rubricas do orçamento do Municipio que têm

directamente a ver com o financiamento das actividades da Desmor. A redução do valor deste Contrato Programa para 2011 é conseguida através “do aumento da receita e da diminuição da despesa, e estamos certos que, apesar destes actos de gestão, a qualidade dos serviços da Desmor será ainda maior e melhor e constituirá a prioridade e ponto de ordem no ano de 2011”, afirmam os responsáveis da DESMOR.

FESTA DE NATAL DO SANTARÉM BASKET É NO SÁBADO NO CNEMA

24 horas TT

Peugeot 504 sofre mas chega ao fim em Fronteira A equipa scalabitana, composta por Joaquim Serrão, Luís Guerra da Silva, Ulisses Antunes e Fernando Sebastião, levou mais uma vez até ao fim, das 24 Horas de Fronteira, a velhinha mas bem preparada Peugeot 504 Pickup EVO III. Apesar de um início de prova complicado com a suspensão a ser “atacada” por uma pedra logo na pri-

meira volta, o que lhe valeu umas horas de box, a equipa nunca perdeu a boa disposição e espírito de sacrifício e lá foi tarde e noite dentro sem problemas de maior, até à ambicionada bandeira de xadrez. Quanto ao Renault 5 do Team Terra clube de Vila Chão de Ourique, também ele terminou as 24 horas alcançando ainda o 2º lugar na Promoção B.

O jantar de Natal do SBC vai realizar-se no próximo sábado, dia 4, no Restaurante A Varanda do Parque no Cnema. O encontro começa às 19h00 com a apresentação dos atletas de cada equipa e haverá animação musical e karaoke.


28

O Ribatejo

Marinhais organiza festa “Anos 80”

culturas

3 | Dezembro | 2010

A Comissão de Festas de Marinhais realiza dia 4 de Dezembro uma festa dedicada aos Anos 80-“You Should be Dancing”. A Festa Anos 80 contará com a presença de DJ Francisco Gil e tem início marcado para as 23h00. Entradas livres.

destaques

Jorge Palma em acústico no Teatro Sá da Bandeira em Santarém O músico e compositor Jorge Palma chega ao Teatro Sá da Bandeira em Santarém, dia 4 de Dezembro, às 21h30, para um concerto acústico. Desde sempre ligado à música, fez a sua primeira audição musical no Conservatório Nacional com apenas 8 anos, após se ter iniciado nos estudos do piano. Anos depois e autodidacta familiarizou-se com a guitarra, deixando a veia clássica e optando pelo pop/rock. Anos depois estreou-se a solo e em 1973 viu editado o seu primeiro single em português, após ter trabalhado com o poeta José Carlos Ary dos Santos. Em 1975 lança “Como uma viagem na palma da mão” e pouco depois “Té Já”. Aos poucos, Jorge Palma foi dando a conhecer a sua música ao mundo com um conjunto de concertos e a edição de novos álbuns com músicas que ainda hoje são “cantaroladas” pelos seus fãs, e que não esquecem sucessos como “Dá-me lume”, “Quem és tu de novo?”, “Nesta cidade”, “Tatuagens” entre muitas outras. Músicas que fazem deste um espectáculo a não perder, dia 04 de Dezembro, no Teatro Sá da Bandeira, em Santarém. Custo dos bilhetes 10 euros.

“As vozes da rádio” em Abrantes

“A Colecção Privada de Acácio Nobre” no Virgínia O Teatro Virgínia, em Torres Novas, recebe dia 04 de Dezembro, pelas 21h30, o espectáculo “A Colecção Privada de Acácio Nobre”. Em palco, “Patrícia Portela reconstrói algumas das obras, ideias políticas e ambiciosos projectos científico-artísticos de Acácio Nobre, um homem do séc. XIX para quem foi um fardo viver no séc. XX.” Um espectáculo que se debruça assim, sobre o baú com fragmentos de textos e maquetas de objectos idealiza-

dos por Acácio Nobre através de um concerto e a projecção de um filme, numa mistura entre o vintage ou não fosse Acácio Nobre “um homem transversal a várias áreas artísticas “ e intemporal.

roteiro cinemas SANTARÉM W Shopping - Cinemas Tel: 707220220

Castello Lopes 1 Imparável Acção (M12) - Chris Pine é Will, um entre vários num grupo de jovens contratados por uma companhia ferroviária para substituir trabalhadores mais velhos, mais experientes e mais dispendiosos... Para ele o trabalho não é mais

que um trampolim e um cheque ao fim do mês. No seu primeiro dia faz equipa com Frank, que não tarda será dispensado mesmo adorando os comboios e o seu trabalho. Sessões às 13h00, 15h10, 17h20, 19h30, 21h40 e 00h10

Castello Lopes 2 e 5 Harry Potter e os talismãs da morte Acção/Aventura (M12) - O

“O Rei vai Nu” para ver no cine-teatro em Alcanena

A rádio Antena Livre promove no dia 4 de Dezembro, o jantar convívio “As Vozes da Rádio”. Um evento que tem como objectivo entregar aos artistas p or t u g ue s e s mais rodados na emissão, em 2010, o troféu “As Vozes da Rádio”. A iniciativa contará com a presença dos artistas Susana Félix, Rita Guerra e André Sardet. O jantar terá lugar no restaurante Jardim da Cascata. Inscrições através do e-mail: andreia. almeida@antenalivre.pt.

mundo dos feiticeiros tornouse um lugar perigoso para todos os que estão contra Voldemort. E os aliados deste continuam a querer o prémio mais desejado: Harry Potter. Este tem de ser entregue a Voldemort... vivo. A única esperança de Potter é encontrar o Horcruxes antes de Voldemort. Sessões às 112h50, 15h00, 15h40, 18h00, 18h40, 21h00, 21h30 e 00h00

O espectáculo “O Rei Vai Nu” chega ao cine-teatro S. Pedro, em Alcanena, dia 03 de Dezembro, às 10h00 e às 14h00. Um momento teatral pela companhia “Teatro Extremo”, baseado no conto “O Fato Novo do Imperador” de Hans Christian Andersen. Um conto infantil que conta a história de “um rei vaidoso que gostava de se vestir elegantemente. Dois espertalhões ouviram falar da vaidade do rei e viram nisso uma oportunidade de enriquecer à custa de Sua Majestade.” Em cena Bibi Gomes e Rui Cerveira mostram que “independentemente da sua origem e condição social, todo o ser humano tem o direito de exprimir livremente o que vê, o que sente e o que anseia.”.

Castello Lopes 3

Castello Lopes 4

Megamind

Saw

Animação (M6) -Megamind tem tentado conquistar Metro City de todas as formas. Cada tentativa é um colossal falhanço, devido ao herói mascarado conhecido como “Metro Man”, um herói invencível. Sessões às 12h40, 14h50, 17h00, 19h10, 21h20 e 23h40

Thriller (M18) - O Agente Especial Strahm está morto, e o Detective Hoffman emergiu como o indisputado sucessor do legado de Jigsaw. No entanto, quando o FBI se acerca de Hoffman, ele vê-se forçado a pôr em prática um novo jogo. O grande esquema de Jigsaw é finalmente compre-

endido. Sessões às 118h20, 21h10 e 00h20

Jackass Comédia (M12) - Johnny Knoxville e os seus excêntricos amigos estão pela primeira vez em filme, para coisas que ninguém os deixaria fazer na popular e controversa série da MTV, arriscando estranhas e dolorosas performances e até a própria vida. Sessões às


O Ribatejo

29

Passeio Pedestre em Vaqueiros

3 | Dezembro | 2010

A Scalabisport e a Junta de Vaqueiros organiza o 1º Passeio em Vaqueiros, dia 4 de Dezembro. Este passeio dará a conhecer os trilhos e as paisagens desta freguesia e terá inicio às 9h30 em frente à sede da Junta de Freguesia de Vaqueiros.

exposições Abrantes

Música Urbana no Cartaxo

Escultura A Biblioteca Municipal António Botto recebe a exposição “Recriação de uma obra de arte” dos alunos da Escola de Pintura Il Pittore Italiano de Abrantes, Mação e Sertã Uma exposição que após a escolha de uma obra de arte revela um “novo olhar”, na sua globalidade ou apenas um pormenor. Para ver até 13 de Dezembro.

O Centro Cultural do Cartaxo (CCC) vai ser palco de um encontro de música urbana, nos dias 3 e 4 de Dezembro. A iniciativa “Festival Muco – Encontros de Música Urbana do Cartaxo” pretende mostrar o que de melhor se faz ao nível da música contemporânea, desvendando novos músicos, estilos e subgéneros, sempre num ambiente de grande proximidade. Ao todo, o evento acolherá durante os dois dias, seis concertos, um showcasw, uma conferência e três dj’s. Dia 03 de Dezembro, pela 22h00 sobe ao palco o grupo “Sei Miguel”, às 23h00, “Coclea” com Guilherme Gonçalves e Gabriel Ferrandini, às 24h00, “Calhau” num duo inventivo natural do Porto e às 01h00 é a vez de “The projectionist’s Nightmare” com Afonso Macedo. Dia 4, o encontro continua com muita música às 22h00, bem ao estilo de Tiago Sousa e às 23h00 com “Big Bold Back Bone”, num invulgar quarteto electroacustico. Pelas 24h00 “Black Bombaim” mostram o seu álbum de estreia e às 01h00, chegam “Just Jaeckin e Sonja”. Para terminar, a dupla Miguel Sá e Fernando Fadigas revelam sonoridades electrónicas saturadas”. Um Festival Muco, para ver no CCC, durante os dias 3 e 4 de Dezembro.

Cartaxo

Cartaxo de Outros tempos O Centro de Promoção Vitivinícola do Museu Rural e do Vinho tem patente uma exposição que retrata as características de quatro profissões: carpinteiro, sapateiro, correeiro e alfaiate. Uma exposição que pretende valorizar os ofícios tradicionais e dar a conhecer aos mais novos como eram fabricadas artesanalmenteas peças do dia a dia.

Riachos

Musical

vai acontecer

“Amália, Nossa senhora do Fado” O Cine -Teatro de M a ç ã o r e ce b e di a 20 de Novembro, às 21.h30, a Associação Recreativa e Musical Amigos da Branca para mais um espectáculo que dará a conhecer o trabalho desenvolvido pelas bandas filarmónicas da região. Este será o segundo dos três concertos agendados, no âmbito do projecto “Bandas em Concerto” 2010/2011. Uma iniciativa da Direcção Regional da Cultura do Centro, que visa a divulgação do trabalho das Bandas Filarmónicas da região Centro.

PRAÇA DE NATAL (PRAÇA DA REPÚBLICA) DE 19 A 26 DE DEZEMBRO

19 de Dezembro Abertura da Praça de Natal 15.30h: Recepção ao Pai Natal Espectáculo musical e de magia

Câmara Lenta - por Francisco Maia

Garagem do NAR O Núcleo de Arte de Riachos apresenta a exposição de Artesanato “Garagem do NAR” onde cerca de 15 Artesãos do NAR expõem uma diversidade de trabalhos, incluindo as suas últimas criações.

Santarém

História do ciclo do trigo Exposição em miniaturas de madeira executadas por Jacinto Ferreira. Miniaturas que revelam o ciclo do trigo, desde as mini alfaias agrícolas e que relembram a forma de trabalhar dos antepassados. Para ver na sala de leitura Bernardo Santareno.

A Tempo e Horas. Viagem de loucos O que acontece quando dois opostos são obrigados a dividir uma boleia? O resultado é, uma longa, longa...surreal viagem! Com o mesmo espírito do filme revelação do ano passado “A Ressaca”, e dos mesmos criadores, apresenta-se o novo filme do realizador Todd Phillips ,“A Tempo e Horas”. O filme retrata uma união inesperada de duas personalidades opostas numa “road trip”, em que os meios vão justificar o fim, de forma drástica! Com um elenco de luxo, protagonizado pelo carismático Robert Downey Jr. e o alucinado Zach Galifianakis (ou será ao contrario?), não atinge o brilhantismo do “A Ressaca”, mas é sem dúvida por si uma boa comédia. Em conclusão, “A Tempo e Horas”, vai o fazer largar umas grandes gargalhadas e mais importante, é óptimo entretenimento para estes longos dias de frio que nos avizinham.

20 a 24 de Dezembro Animação de Rua com: • “Duendes Cantadores” • “Pai Natal e os seus Duendes” • “Os Notinhas” Dia 25 de Dezembro 16.00h: - Espectáculo “Tobias e a Floresta” com a presença do Noddy e do Shrek

roteiro cinemas 13h10 e 15h50.

Castello Lopes 5 e 6 A tempo e horas Acção/Aventura (M12) - Downey é Peter Highman, um feliz (mas ansioso) homem que irá ser pai pela primeira vez, dentro de alguns dias. No entanto, nem tudo corre bem: Peter não consegue apanhar o vôo que parte de Atlanta, pelo que se vê obrigado a

fazer a viagem de regresso a casa com um aspirante a actor. Sessão às 13h30, 16h10, 18h50, 21h50 e 00h30.

TORRES NOVAS TorreShopping

A rede social Drama (M12) - Sessões às13h00, 15h50, 18h30, 21h20 e 00h00

Sala 1

Sala 3

Harry Potter e os Talismãs da Morte

Gru - O Maldisposto

Acção/aventura(M12) - Sessões às 12h40, 15h30, 18h30, 21h30 e 00h20

Dia 26 de Dezembro 16.00h: Espectáculo “A Festa de Natal” Saw 3D

Sala 2

Animação (M6) - Sessões às 12h50, 15h00 e 17h10

19 a 26 de Dezembro Das 15 às 22 horas Aldeia da Brincadeira Viagens na Lagarta pelas ruas da cidade

Terror (M12) - Sessões às 15h00, 17h00, 18h00, 21h10 e 23h50

TORRES NOVAS Teatro Virgínia Duas Mulheres Drama (M16) -Joana, psiquiatra de 40 anos, é casada com Paulo, executivo de uma grande empresa. Têm a existência dourada a que dá direi-

to a profissão e a estabilidade de Joana e o poder de Paulo. Com uma guerra de accionistas à porta, Paulo espera que Joana cumpra o seu papel e o siga nas suas demonstrações sociais de influência e competência. Mas o quotidiano de Joana é alterado.Sessão dia dia 08 de Dezembro, às 21h30.

Feliz Natal


30

O Ribatejo

Coruche organiza passeio TT

3 | Dezembro | 2010

Coruche organiza dia 05 de Dezembro, pelas 09h00, um passeio TT de desporto e aventura. A iniciativa tem concentração marcada junto à Praça de Toiros, seguido de uma prova de dificuldade média/baixa e um almoço convívio. Mais informações e inscrições através do 918 753 863/4.

televisão

horóscopo carneiro 21/3 a 20/4

Revolução Virtual Canal Odisseia

Está muito favorecido no plano amoroso e é nabalança 24/9 a 23/10 tural que marque pontos e colha vantagens. Em

touro 21/4 a 21/5

Encontrará facilidades no sector amoroso, fazendo assim com que toda a esperança seja lícita e a felicidade nos relacionamentos previsível. Prevê-se que atraia novos contactos ou interesses. A vida profissional revela-se intensa, podendo mesmo trazer transtornos.

escorpião 24/10 a 22/11

O momento é muito favorável à vida sentimental e conquistas. Neste período não há lugar para reservas ou desânimo; mantenha uma atitude positiva. Deve colocar-se bem no centro dos acontecimentos e sempre que possível chamar a si iniciativas e incentivos a terceiros.

gémeos 22/5 a 21/6

Os sentimentos estão muito agitados e tende a reagir com excesso de emotividade. Não encare comentários ou situações banais como críticas. Também em termos profissionais deve agir mais racionalmente para não confundir emoções com questões só técnicas.

sagitário 23/11 a 20/12

Sentimentos e emoções intensos e pode mesmo ser surpreendido por manifestações fortes. Combata dúvidas ou reservas. O êxito só se consegue com persistência. Não lhe valerá de nada virar as costas aos problemas nem adiar decisões. Deverá pôr agora capitais a circular.

caranguejo 22/6 a 22/7

Está sujeito a influências muito positivas, apesar de estar na altura de resolver certos problemas pessoais. Procure que as palavras coincidam com os actos. Boa semana para esclarecer pontos de vista e adquirir novos conhecimentos. As suas ideias serão bem acolhidas.

capricórnio 21/12 a 20/1

Denota grande lucidez ao enfrentar questões da vida afectiva. Pode tomar decisões e é natural que opções de outros recaiam sobre si. De uma maneira geral, actuará sempre da melhor forma. Semana muito decisiva profissionalmente. Dependerá de si tirar proveito disso.

leão 23/7 a 23/8

O sector amoroso vai entrar num regime mais calmo para definir melhor os seus sentimentos. Impõe-se uma séria reflexão sobre situações de constante decepção ou insatisfação. Necessita de actuar de forma muito consistente, apoiando-se em pareceres mais sérios.

aquário 21/1 a 19/2

Esta não será uma semana fácil, na medida em que está muito desgastado e sem grande capacidade de compreensão e tolerância. A vida económica necessita de gestão mais rígida. Novas funções ou responsabilidades deverão ser assumidas com muito mais optimismo.

Não se vai sentir muito satisfeito com a vida sentimental por falta de correspondência ou compreensão desejadas. Não admita pressões ou chantagens emocionais. Não conte com resultados imediatos em termos profissionais. Mostre paciência nas questões económicas.

peixes 20/2 a 20/3

Sábado, 04 de Dezembro, 19h00

Com o seu nascimento, a Internet propôsnos um mundo de comunicação sem fronteiras, onde a informação é partilhada entre os utilizadores e o seu acesso é rápido, simples e gratuito. No primeiro episódio desta série, veja quem está por trás das redes de informação e se realmente são tão livres como, a priori, podem parecer.

O Mentalista III

RTP1 Segunda, 06 de Dezembro, 22h45

Patrick Jane é famoso pela sua habilidade de grande percepção de tudo o que o rodeia. Ele já quase foi uma celebridade, alegando ser médium vidente, mas agora admite que fingia ter poderes paranormais. Com uma grande habilidade de observação, Patrick trabalha como consultor independente para as autoridades da Califórnia, resolvendo os crimes complicados. Todos no departamento reconhecem o seu mérito em solucionar casos difíceis - mas nem todos são fãs de suas atitudes.

virgem 24/8 a 23/9

convívios inesperados poderão estar oportunidades promissoras. A semana é excelente para rebater críticas e libertar-se de pressões, podendo inverter algumas situações.

palavras cruzadas Marcos Cruz - Rede Expresso

sorte Concurso nº 48/2010

Vai sentir-se admirado e desejado. Ponha de lado preconceitos e tente novos relacionamentos. Todo o tempo que dedicar ao amor será bem empregue. A semana tende a decorrer bem, ou seja, as situações jogam a seu favor. Embora com realismo, aproveite oportunidades.

sudoku

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

euromilhões 9 |28 | 36 | 41 |49| 5 | 7

totobola

21111222xx121 Super 14. Sporting - Porto

escaparate

Está sujeito a oscilações de sentimentos e mesmo a paixões fortes que o podem levar a comportamentos imprevistos. Assuma completamente as suas opções; não ande a dizer uma coisa e a fazer outra. Não poderá tomar certos acontecimentos como coisas certas.

1:1

totoloto 4 | 13 | 17 | 21 | 26| 35 |30

joker 7. 80 0.046

loto2

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

1 2

5

2

8

4

4

6

6

9

VERTICAIS: 1. Dono de uma lâmpada mágica. Tudo tem um 2. Carro super veloz. Depende das atracções lunares 3. Certificado a que o próprio não tem acesso. As de malha usavam-se sob a armadura 4. Rumores. Dos Santos poeta 5. Cede ao centro. Gigantes que enfrentaram os deuses olímpicos 6. A hiena fá-lo. O metro é a das medidas de comprimento 7. Estuda o homem 8. Natural de um país africano. Era o dó 9. Resumia a reunião antes do acordo. Acha graça 10. Usa-se no pé. No meio de dois. Sobe na discussão (de baixo para cima) 11. A dobrar, nem bem nem mal. Tem fases.

4

9

8

7

8 1

3

4

8

5 1

4

7

2

DVD O escritor Fantasma Vários PVP: 19,99€ Quando um escritor fantasma concorda em acabar as memórias do antigo Primeiro-Ministro Britânico, Adam Lang, o seu agente assegura-lhe que esta é a oportunidade da sua vida. O escritor viaja, a meio do Inverno, para uma casa com vista para o mar, numa ilha próxima da costa leste dos Estados Unidos, com o intuito de começar a trabalhar no projecto.

6 9

3 5

Bon Jovi PVP:19,99€ Este “Greatest Hits” dos Bon Jovi vai transportar os ouvintes de volta ao passado, através dos grandes sucessos mundiais, e oferece uma ponte para o futuro com a estreia de quatro novíssimos temas. Um disco-duplo com 28 canções, que inclui os temas do CD “Greatest Hits” da edição standard e um segundo disco com canções favoritas dos fãs.

8

8

6 9

9

9

5

CD Greatest Hits

3 7

1

2

2

2 3

6

HORIZONTAIS: 1. Esculpem-se no dia das Bruxas. É a cara do doente 2. Quem não o quer ser não lhe veste a pele. Sejas criativo 3. Entrou por uma toca de coelho num mundo. fantástico. Tem nas pontas. Levam pontos 4. Regime autoritário. Uma picadela pode provocá-lo 5. Os de Março foram fatais para César. António, navegador do séc. XV 6. Princípio de necessidade. Característico 7. Tombado. Anasala 8. Talha-se no céu 9. Talhado. Como as cobras 10. Grande fúria. Morreu de velho 11. Põe-se para comer. Inflama o ouvido.

Kresley Cole PVP:14,85€ Depois de sofrer anos de tortura às mãos da horda vampírica, Lachlain MacRieve, líder do clã de lobisomens, está furioso. Ele descobriu que a companheira, que lhe estava predestinada e pela qual esperou um milénio, é uma vampira. Ou meia vampira. Emmaline é pequena, etérea, meio valquíria, meio vampira, mas de certo modo acalma a fúria que arde dentro dele.

3 5 8

1

2 | 11 | 12 | 44|45| 46| 6

1 7

JOGO Dragon Ball: Raging Blast 2

4

7

3 3

VERTICAIS 1. Aladino; fim 2. bólide; maré 3. óbito; cotas 4. bocas; Ari 5. ed; titãs 6. ri; unidade 7. antropólogo 8. somali; ut 9. acta; ri 10. meia; oi, mot 11. assim; Lua HORIZONTAIS 1. abóboras; má 2. lobo; inoves 3. Alice; tm; is 4. ditadura; ai 5. Idos; Nola 6. ne; típico 7. caído; til 8. mortalha 9. fatiado; má 10. ira; seguro 11. mesa; otite Soluções

Estes resultados não dispensam a consulta da lista oficial do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

7 9

LIVRO Desejo Insaciável

2

Só há uma regra: completar a grelha, de modo a que cada linha, cada coluna e cada bloco de 3x3 incluam os números de 1 a 9, sem repetições!

PS3 PVP: 64,99€ O jogo que conta com mais de 90 personagens, movimentos especiais e transformações, modos multijugador offline e online e multidão de conteúdo extra. Dragon Ball: Raging Blast 2 chega mais melhorado do que nunca para criar uma experiência de luta autêntica e avançada.


O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

31

IV Arcafestuna em Tremez Decorre dia 7 de Dezembro, pelas 21h00, no Centro de Convívio e Cultura de Arneiro de Tremez e Carvoeira, a IV Arcafestuna. Um festival de tunas mistas de Arneiro de Tremês e Carvoeira recheado de espírito académico.

dança

A final do campeonato regional - Troféu da Associação de Dança Desportiva de Santarém - realizou-se em Benfica do Ribatejo, na foto, pode ver os campeões distritais de Danças Latinas.

Danças desportivas com cerca de 300 praticantes na região Numa altura em que os concursos de dança estão na moda e fazem as delícias de milhões na TV portuguesa, a dança desportiva no distrito está melhor do que nunca. A prová-lo esteve o campeonato regional que juntou mais de cem pares de dançarinos no pavilhão de Benfica do Ribatejo, em Almeirim. Foi uma noite em que se decidiram os campeões regionais da modalidade e em que houve ainda tempo para exibições do melhor que estes jovens dançarinos sabem fazer. Uma realidade bem diferente daquela que existia há uma década como frisou José Casebre, o presidente da Associação de Dança Desportiva de Santarém: “quando comecei

há 12 anos existiam quatro ou cinco escolas e fazíamos regionais com vinte ou trinta pares; actualmente estamos a fazer este campeonato com 102 pares num lote de 150 pares inscritos na associação”.

“Um desporto de ricos praticado por pobres” Uma modalidade em crescimento mas que exige sacrifício e algum esforço financeiro por parte dos praticantes. “É desporto de ricos praticado por pobres porque é uma modalidade muito cara a nível de fatos e sapatos, e porque os miúdos têm que pagar para aprender a dançar e é tudo às custas dos pais”, sublinha José Casebre. “Quem

anda na dança é só com muito sacrifício e muito gosto pela dança”, acrescenta o dirigente. Muito gosto pela dança espelhado na alegria que estes jovens dançarinos colocaram nas suas actuações e cujo esforço foi premiado neste final de época com vários troféus, nas categorias de danças latinas e de danças clássicas. E não é só cá dentro que estes pares dão cartas. Também no estrangeiro o distrito tem estado bem representado em várias competições internacionais. “Há escolas que têm condições e que dão possibilidade para que os seus pares possam ir, de vez em quando, ter uma experiência fora de portas”,

salienta José Casebre. O presidente da Associação de Santarém refere ainda que a Federação Nacional também não tem grandes condições para suportar estas idas ao estrangeiro e que são os pais, as escolas, a associação que ajudam estas aventuras internacionais.

tudo o que havia para ganhar durante esta época. Uma época em que a escola que arrecadou os títulos colectivos em danças latinas e danças clássicas foi a HC Turquel. No pódio das escolas

Campeões Regionais em Danças Latinas CATEGORIA Juvenis A

“Aventura” internacional A competir oficialmente na região de Santarém existe actualmente um único par de adultos internacionais, Hélder Almeida e Mariana Semião, da Associação de Danças Desportivas de Tremez. Mas dentro de portas, em Portugal, foram vários os pares da região que já alcançaram títulos nacionais, tendo ganho

em danças latinas ficou a Associação de Danças Desportivas de Tremez e a U. Chancelaria. Nas danças clássicas, o segundo lugar foi para a U. Chancelaria e o terceiro lugar para a NSD.

PARES Tomás Faustino e Sofia Vitório

ESCOLA A.D.D.Tremez

Francisco Pedrosa e Mariana Alcobaça

A.D.Entroncamento

Juniores 1 Iniciados

Ruben Oliveira e Inês Costa

A.D.Entroncamento

Juniores 1 Intermédios

Neftaly Herculano e Joana Cruz

Juniores 1 Open

Gonçalo Vitorino e Eduarda Suspiro

A.D.D.Tremez

Juniores 2 Iniciados

Hugo Pereira e Elisa Freire

UChancelaria;

Juniores 2 Intermédios

Bernardo Venceslau e Jessica Silva

HCTurquel;

Juniores 2 Open

Renato Braz e Ana Carolina

ADDTremez

Juvenis B

N.S.Dance

Juventude Iniciados

David Silva e Filipa Faria

Juventude Intermédios

Ricardo Tavares e Sofia Lomba

Juventude Open

Wilson Batista e Maria Lopes

JTAcademy JTDance

Adultos Iniciados

Jean Joaquim e Sofia Oliveira

UCChancelaria

Adultos Intermédios

Flávio Silva e Ana Alves

Adultos Open

João Ricardo e Mariana Costa

ADDTremez

Adultos Internacionais

Hélder Almeida e Mariana Semião

ADDTremez

ADEntroncamento

Cecude

Séniores 1 Iniciados

João Martins e Tânia Valentim

Séniores 1 Intermédios

José Mendes e Maria Isabel Filipe

Uchancelaria

Séniores 1 Open

José Lousada e Filipa Thedim

ADDTremez

HCTurquel

Séniores 2 Intermédios

António Silva e Adélia Silva

HCTurquel

Séniores 2 Open

Avelino Lopes e Fernanda Lopes

HCTurquel

Campeões Regionais em Danças Clássicas CATEGORIA Juvenis B

Os campeões de Danças Clássicas na pose para a fotografia de consagração de uma época de sucessos.

PARES Francisco Pedrosa e Mariana Alcobaca

ESCOLA A.D.Entroncamento

Juniores 1 Iniciados

Rodrigo Filipe & Filipa Daniel

Azerveira

Juniores 1 Intermédios

Neftaly Herculano e Joana Cruz

N.S.Dance

Juniores 1 Open

José Morais e Lúcia Frieza

Juniores 2 Iniciados

Rui Pereira e Cláudia Gonçalves

Juniores 2 Intermédios

Bernardo Venceslau e Jessica Silva

Juniores 2 Open

David Alcobaça e Marta Silva

Juventude Iniciados

Ruben Neves e Filipa Batista

Juventude Intermédios

Emanuel Guilherme e Mariana Horta

Juventude Open

José Gomes e Carolina Nova

Edades Azerveira HCTurquel ADEntroncamento NSDance ADDTremez ADDTremez

Adultos Iniciados

Edgar Tolentino e Marina Marques

Adultos Intermédios

Emanuel Vitorino e Ana Ferreira

UCChancelaria HCTurquel

Adultos Open

Hélder Santos e Patrícia Henriques

HCTurquel

Séniores 1 Iniciados

João Martins e Tânia Valentim

Séniores 1 Intermédios

José Mendes e Maria Isabel Filipe

HCTurquel UCChancelaria

Séniores 2 Iniciados

José Coelho e Maria Guerra

HCTurquel

Séniores 2 Intermédios

Avelino Lopes e Fernanda Lopes

HCTurquel


32 COMERES & BEBERES | RESTAURANTES E ESPECIALIDADES SANTARÉM A GRELHA Especialidades Peixe Fresco, Bacalhau Assado com Magusto, Espetadas de Lulas com Gambas, Espetadas de carne Barrosã com Gambas e Ananás, Espetadas Mistas, Arroz de Feijoca, Bons Vinhos da Região Folga 2ª Feira Morada R. Ateneu Comercial, 1 r/c Esq. – Santarém Telefone. 243333348/ 243322636/ 917604488

QUINTAL DO BECO Especialidades Lulas fritas com camarão, Bife à Beco. Folga Domingo. Morada Beco dos Fiéis de Deus, nº 15, Santarém. Tel. 243391247.

O CANTINHO DOS SABORES Especialidade Bacalhau Assado com Açorda de Grelos Folga: Domingo. Morada Estrada Nacional 3, Alto do Vale, Vale de Santarém Tel. 243761268

O SALSA Especialidades Peixe Fresco, Carnes da Especialidade, Massinhas de Peixe, Açorda de Ovas Folga Domingo Aberto nos Feriados Morada EN 3 – Portela das Padeiras – Santarém Tel. 243351341 J F RESTAURANTE Especialidades Folhado de Perdiz, Bacalhau frito com Gambas e Coentros, Camarão com Risotto 3 queijos, Bifes do lombo, Cozinha Tradicional portuguesa Folga 3ª Feira Morada Jardim de Cima - Santarém Tel. 243302200 CASA CONDEÇO Especialidades Açorda de Bacalhau à Barrão, Molhinhos de Carneiro com Grão, Migas Ribatejanas c/ Bochechas de Porco Favas com Entrecosto Folga 2ª Feira Morada Rua do Alfageme, 41 – Ribeira de Santarém - Santarém Tel. 243326887 A CARROÇA Especialidades Bacalhau à Carroça; Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau à Brás, Carne de porco à Alentejana, Petiscos (amêijoas, moelas, pica-pau) - Aberto todos os dias Morada Rua Principal – Advagar - Achete Tel. 243478216 LUÍS DO LEITÕES Especialidades Leitão assado à Bairrada, Bacalhau à Lagareiro, Grelhados variados Folga 2ª Feira Morada Rua Teófilo Braga, 10 - Santarém Tel. 243332102 O BACALHAU Especialidades Borrego à Casa, Bacalhau à Lagareiro, Peixe Fresco Folga 3ª feira à tarde Morada Rua S. Tiago Tremez Tel. 243479196 TABERNA DO QUINZENA Especialidades: Magusto com Bacalhau Assado, Pato Assado no Forno, Cozido à Portuguesa, Cabrito Assado no Forno, Pernil de Porco e Naco de Toiro Bravo Avinhado Folga Domingo Morada Taberna I - Rua Pedro Santarém, 93/95 - Santarém Tel. 243322804 Morada Taberna II – Cerco da Mecheira, 20 - Santarém Tel. 243333110 ADEGA DOS SABORES Especialidades Cabrito Assado no Forno, Bacalhau assado com batata a murro, Polvo à Lagareiro. Folga 5ª feira e domingo ao Jantar. Morada Rua 25 de Abril, 27 – Casa dos Pinheirinhos- Casal da Charneca – Almoster – Santarém. Tlm 916845000 MINA VELHA Especialidades: Bacalhau Assado com Magusto, Bacalhau c/ Broa, Massa à Barrão, Bife à Mina Velha, Posta à Mina Velha. Folga : Domingo à Noite e 2ª Feira. Contacto 243 372 581. Morada : Urb. Quinta das Fontainhas – Santarém. Long. 08´42´20” O. Lat. 39´42´19” N

QG Folga 3ª feira Morada: Praça 15 de Dezembro, 1 - Cartaxo Tel. 243499300 Tlm. 967062629

QUINTA DOS GRAVELHOS Folga 3ª feira Morada: Rua do Comércio, 58 - Moçarria Tel. 243499300 Tlm. 967062629 DOM TACHO Especialidades Ensopado de Enguias, Feijoada de Gambas, Mar e Terra Morada Rua Marquesa da Ribeira Grande 53, Vale de Santarém Tel. 243 761078. Aberto todos os dias.

OH VARGAS Especialidade Comida Tradicional Folga Sábado (excepto para serviços marcados) Morada EN 3 - Portela das Padeiras - Santarém Tel. 243351146.

(excepto feriados). Morada Rua do Campo da Bola - Foros de Benfica. Tel. 243580934 CARTAXO

O CANTINHO DA BELA Especialidades Bacalhau gratinado, bacalhau à casa, ensopado de borrego, lombo assado com migas, coelho à caçador Folga Domingo Morada Estrada Nacional 3, Lote 3, Pernes Tel. 243 449 514.

ADEGA DO BACALHAU Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau assado com Magusto, Bife à Casa Folga Domingo Morada Travessa da Boleta, 2 e 4 (centro histórico) Santarém. Tel. 243306519964569837.

TABERNA RENTINI Especialidades Cozinha Tradicional, Grelhados no carvão Morada Casais do Quintão - Perofilho, 2005-021 Várzea - Santarém Tel. 243499254 CHAFARICA DA TORRE Especialidades Carne de Vitela Maronesa, Bacalhau na brasa, Camarão Tigre, Raia com molho de alcaparras Folga Domingo Morada Praceta João Caetano Brás, 9 - S. Domingos - Santarém Telf. 243 372 649 - 96 6620790 O TASCO Especialidades Massa à Barrão, Bacalhau grelhado com Magusto, Bife à Tasco, Entrecôte com Migas, Carnes de Porco Preto grelhadas Folga Domingo Morada EN 3 – S. Pedro (frente à JAE) – 2005 Santarém Tel. 243302740 Tlm. 917062391 O BERNARDO Especialidades: Bacalhau no forno com Broa de Milho, Polvo no forno, Ensopado de Borrego, Cabrito no Forno e Lombos de Fataça Grelhados Folga: 2ªas Feiras Morada: Loja Nova – S. Vicente do Paúl Contactos: 243428388 Telemóvel 9918939656 O CANTINHO DO AVÔ Especialidades: Queixadas de Porco no Forno, Molhinhos com Feijão Branco, Cozido à Portuguesa, Feijoada à Transmontana, Secretos de Porco Preto, Magusto com Bacalhau Assado, Polvo à Lagareiro. Folga Domingo. Morada Rua Paulino da Cunha e Silva nº 121 – 2000-369 Alcanhões. Tel. 243428303 CARAVANA Especialidades: Bife à Caravana, Bife de Pimenta, Lulas com camarão. Folga Domingo. Morada Rua Capelo Ivens, nº 102, Santarém. Tel. 243 306 437 PAPARIKA DO MOCHO Especialidades: Muamba de galinha, Caracoletas guisadas, Cataplana de marisco e Torricado de bacalhau Folga: Domingo Morada: Rua do Matadouro Regional, Lote 22 – Quinta do Mocho – Zona Industrial – 2005-002 Santarém Contactos: 243325144/ 918550164/ 919848045 CONSTÂNCIA FALCÕES Especialidades: Troxas de Sta. Madalena, Bife na Pedra, Terra e Mar, Maçã Romana Folga: Terça-Feira Morada: Rua Luís de Camões, 33 Abrantes Horário: 12h10m ás 15h00m e das 19h30m ás 22h30m Telefone: 249 098 875 E-mail: restaurantefalcoes@gmail.com SALVATERRA PRETO & BRANCO Especialidades Bacalhau com natas, Porco Preto, Arroz de Pato, Enguias do Rio, Carne Mirandesa Folga 2ª feira Morada Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca, 144 - Salvaterra de Magos Tel. 263507858 - 918675981

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Costeletas e Mistas grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quintafeira). Morada R. Dr. Gomes da Silva (Sociedade Filarmónica Cartaxense) Cartaxo Telem: 963458371 TABERNA DO GAIO Especialidades Pratos Regionais e grelhados de peixe e carne. Jantares às sextas e sábados. Folga ao domingo. Estrada Nacional N3 - Cruz do Campo - Cartaxo. Telf: 243 759 883

CALIFÓRNIA Especialidades Enguias c/arroz de feijão, Ensopado de Enguias, Entrecosto Frito c/arroz de feijão, Vitela estufada, Chispe c/Feijão Branco. Serve Jantares. Fecha às terças. Telf: 263504643 . Foros de Salvaterra. O PINTO Especialidades Enguias fritas c/arroz de feijão, ensopado de enguias, polvo à lagareiro, Borrego à Alentejana. Fondue. Aberto todos os dias. Serve jantares. EN 118 KM54 – Marinhais ADEGA DA ROSA Especialidades Picanha, Bacalhau à Lagareiro, Chocos à Lagareiro, Espetada de lulas c/gambas, costeleta Mirandesa. Garrocheira – Foros de Salvaterra; Telf: 263 507 240 CABANA DOS PARODIANTES Especialidades Bife à Patilhas & Ventoinha, Molhata de Enguias (caldeirada típica avieira). Pode encomendar Barretes, Bolo Rei e outras especialidades. Folga 4ªs feiras à tarde. Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca. Mail: cabana.eventos@gmail.com telf: 263504177 ; site: www.cabanadosparodiantes.com ESCAROUPIM Especialidades Enguias todo o ano, Açorda de Sável, Lampreia em época, Arroz de Bacalhau c/ Farinheira, Migas, Tarte de Perdiz Folga 5ª Feira e Domingo ao jantar Morada Largo do Avieiros - Escaroupim - Salvaterra de Magos Tel. 263107332 telemóvel: 912539228email:rest.o.escaroupim@ hotmail.com A CASINHA Especialidades Ensopado de Enguias, Enguias Fritas, Picanha, Plumas de Porco Preto, Alheira, Caça Grelhada Morada Av. Dr Roberto Ferreira da Fonseca 54 - Salvaterra de Magos Tel. 263504795 Aberto ao domingo durante o mês da enguia BARQUINHA ALMOUROL Especialidades Enguias, Sável e Lampreia Folga 3ª Feira Morada Tancos, Vila Nova da Barquinha Tel. 249 720 100. Mail: www.almourol.com ABRANTES CRISTINA Especialidades Bacalhau c/Broa, Polvo à Lagareiro, Cherne c/molho de coentros, cabrito assado no forno, Arroz de Pato à Antiga, Perna de Borrego assada c/alecrim. Folga Domingo à tarde e 2ª feira Morada Rio Moinhos – Abrantes Tel. 241881177 Fax: 241881343 Email info@restaurantecristina.com Web www.restaurantecristina.com

AVENIDA Especialidades Polvo a Lagareiro, Bacalhau a Braga, Pescada Gratinada com Camarão, Bifes da vazia à Portuguesa com Pimenta ou com Alho. Reservas para grupo e Serviço de Take Away pelo 968486613 - Karaoke aos Sábados Morada Av. Forças Armadas - Abrantes O FUMEIRO Especialidades Bife da casa, Fondue de Porco Preto, secretos com migalhana, Ovas na Brasa com Açorda de Ovas, Bacalhau à Fumeiro Folga Domingo Morada Rua do Pisco, 9 – Abrantes Tel. 938851963 Email restaurantefumeiro@clix.pt ALMEIRIM RETIRO DO CAMPINO Especialidades Sopa da Pedra, Grelhados no Carvão Folga 3ª Feira Morada Largo da Praça de Toiros, 1 A Almeirim Tel. 243592528 O GALINHA Especialidades Sopa 3/1, Sopa da Pedra, Polvo à Lagareiro, Cozido à Portuguesa, Arroz de Tamboril, Massada de Cherne, Bife à Cortador Folga 3ª Feira. Aceita-se reservas para grupos Morada Rua Ilha da Madeira, 16 J - Almeirim Tel. 243579797 DAVID PARK Especialidades Arroz de Tamboril, Espetadas de Lombinhos c/ Gambas, Cozinha Tradicional, Peixe Fresco grelhado na Brasa Folga 4ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 15 - Almeirim Email: davidparkmail.telepac. pt. Tel. 243591475 SEPÚLVEDA Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Molhinhos c/ Grão, Entremeada de Vitela, Moelas estufadas c/ batata frita, Chocos e Grelhados Folga Não temMoradaRuaVinhadoSantíssimo, Bloco 32 - Almeirim Tel. 938732058 O FORNO Especialidades Sopa da Pedra, Peixe Fresco, Carne Porto Preto e Grelhados Folga 3ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 23 - Almeirim Tel. 243592916 O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Carnes grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. 5 de Outubro, 115 - Almeirim Tel: 963458371 CONSTANTINO DAS“ENGUIAS” Especialidades: Enguias Fritas, Ensopado, Grelhados no carvão Folga à 2ª Feira. Aceita reservas Morada Foros de Benfica – Benfica do Ribatejo Tel. 243589156 CAMBÁIA Especialidades: Ensopado de Enguia e Enguias Fritas. Folga 4ª e 5ª feira

TABERNA DO ALFAIATE Especialidades Bacalhau assado no forno com manja, Migas de bacalhau, Cabrito assado no forno, Naco de boi em vinho tinto com migas, Entrecosto de porco preto com arroz de feijoca, Porco preto assado no forno à padeiro. Folga Encerra às 2ª feiras e Domingos ao jantar. Morada Lapa, Cartaxo, telefone 243 790 005 GOLEGÃ CENTRAL Especialidades: Bife à Central com Molho à Brogueira, Entrecosto à Goleganense, Açorda de Sável- Sobremesa: Toureiros Telefone : 249976345 Morada : Largo Imaculada Conceição 3 a 8 - 2150-125 Golegã. Reservas@cafecentral.pt www.cafecentral.pt O BARRIGAS Especialidades: Buffet de entradas regionais, fritada de camarão com açorda e naco de boi no carvão.Folga: Domingo ao jantar e 2ª feira Morada: Largo 5º Outubro, nº 55 e 56 – Golegã Contacto: 240 717 631 Site: www. obarrigas.com Outras info: Zona para fumadores ALPIARÇA TERTÚLIA Especialidades Ensopado de enguias, bacalhau com broa, bacalhau com favas, bacalhau (frito) à marialva, porco preto, borrego à moda de Alpiarça, costeletas de borrego, espetada de javali, alheiras (caça/ mirandesa), coelho com molho de coentros. Bons vinhos da Região e de outras regiões. Ementas personalizadas para grupos e ocasiões especiais. Abrerto todos os dias Morada Rua Engº Álvaro da Silva Simões, 108 Alpiarça Tel: 243558588 Reservas 935587920. Site http//tertulia-restbar.hi5.com Email:bernardos.inv. hot@sapo.pt CORUCHE Ó MANEL Especialidades: Espetadas do Toiro Bravo. Dobrada e mão de vaca. Sopa de Rabo de boi. Grelhados. Morada Rua de S Tomé, 4 – Bairro Novo. Tel. 243675878. Folga ao Domingo JAKIM GIRASSOL Especialidades: Bacalhau c/ Migas, Feijoada de Chocos c/ Gambas, Borrego assado no forno, Pernil de Porco no Forno, Arroz de Pato, Bacalhau gratinado c/camarões. Petiscos variados. Morada: Estrada Nacional 119 (Área de serviço Repsol) – Biscainho . Tel. 243660333 A TASCA Especialidades Pernil de porco no forno, cozido à portuguesa. Carne Brava Folga Domingo Morada Mercado Municipal – Coruche Tel. 243675232 O CHOUPO

Especialidades Bacalhau à Choupo, enguias fritas e ensopado, medalhões de Maronesa, Posta Maronesa, Carnes de porco preto, cataplanas Folga 2ª feira (após almoço) Morada Montinhos dos Pegos (1 Km cruz. Monte da Barca) – Coruche Tel. 243618875. Tel. 917785703 O FARNEL Especialidades Bacalhau à Farnel; Bacalhau assado c/migas à moda de Coruche; cabrito frito à lavrador; migas de batata c/carne de porco; ensopado de borrego, grelhado de novilho bravo e porco preto na telha Folga 2ª feira Morada Sala p/banquetes no Monte da Barca. Rua Vasconcelos Porto – Coruche Tel. 243675436 SAL & BRASAS Especialidade: Carnes na brasa Folga 2ª feira Morada Cruzamento Monte da Barca - Coruche Tel. 243618319 PONTE DA COROA Especialidades: Cozinha regional e grelhados no carvão Folga Domingo Morada Estrada Nacional 114 Coruche Tel. 243617390 RIO MAIOR MANJAR DO PARQUE Especialidades Leitão assado em forno de lenha, Picanha à Brasileira, Secretos de porco preto na brasa , Manjar de Gambas, Bacalhau Maravilha, Bife à Casa. Leitão assado para fora. Ementas para grupos Morada Rua Almirante Cândido Reis, 26 R/c (junto ao jardim) – Rio Maior Tel. 243997071 Email geral@manjardoparque.net PALHINHAS GOLD Especialidades Alheira de caça, Carne mirandesa, Porco preto com migas, Picanha, Bacalhau com crosta de azeitona, Tiborna de bacalhau, Caril de gambas, Arroz de tamboril, , Pão de Ló caseiro. Folga Domingo à noite e 2ª Feira. Morada Trav. do Palhinhas (centro da cidade) - Rio Maior Tel. 963435547. Site www.palhinhasgold.pt FÁTIMA SANTA RITA Madeirense e Açoriano Especialidades: Bacalhau Espiritual, Bacalhau com camarão, Bacalhau Nove Ilhas, Bife de Atum; Alcatra, Linguiça do Pico, Secretos Porco Preto, Vitela. Morada: R. Rainha Santa Isabel (em frente ao Hotel Cinquentenário) Fátima. Tel. 249098041/919822288. Site: http://santarita.no.comunidades. net. Oferta de 5% de desconto com a apresentação deste jornal. MAÇÃO O GODINHO Especialidades Café – Restaurante. Cozinha Regional. Quarta-Feira: Cozido à Portuguesa. Serve Almoços e Jantares. Encerra ao Domingo. Telf: 241572874;tlm 962536310 Rua da Republica – Mação O CANTINHO Especialidades Restaurante Marisqueira; Especialidades: Arroz de Marisco, Cataplana de Cherne, Bife à Cantinho na Frigideira e Maranho de Mação.Almoços e Jantares.Aberto todos os dias.Telf: 241107558.Tlm: 964677705. Rua Monsenhor Alvares de Moura - Mação TORRES NOVAS O BABALHAU BRASAS Especialidades: Arroz de Pato, Cabrito no Forno, Camarão Flamejado c/ manga, Peixe Fresco do Mar e Carne c/Qualidade. Folga ao Domingo à noite e Segunda. Ladeira da Enfermaria Militar, nº 21 – T Novas – Telf: 249183699. Reservas: 913125149


OPINIÃO | COMERES & BEBERES 33

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Panorâmico Talvez seja atrevimento afirmar que nunca um restaurante teve nome tão apropriado como este – Panorâmico – de onde vislumbram panoramas notáveis sobre o vale do Mondego, com o rio a correr, a separar e a juntar lá no fundo, as duas montanhas. Vai para um lustro que não tomava uma refeição neste bem posto

Restaurante ∑ Penacova

restaurante, com o Sr. Arménio a receber galhardamente os clientes, e a enunciar sem impor os pratos que na sua opinião devem ser apreciados nesse dia, ora ao almoço, ora ao jantar. Escolheume uma mesa da qual pudesse observar e perscrutar, sem ser incomodado pelo sol outonal, ampla a permitir tomar notas sobre

Vinhos da Adega Cooperativa de Almeirim Em 1958, a Adega Cooperativa de Almeirim (a maior produtora de vinhos do Ribatejo) iniciava a sua actividade congregadora de vinhateiros interessados na produção de vinhos qualificados e rendimentos em conformidade. Nestas cinco décadas muita coisa aconteceu: dias de alegria, outros de desânimo e nestes tempos de crise e aguda competição a Adega de Almeirim teima em levar a carta a Garcia o que justifica sonoro aplauso e votos de continuados êxitos pelos anos fora. A fim de convenientemente assinalar a efeméride a Adega Cooperativa de Almeirim lançou um branco colheita de 2009, monovarietal e a escolha recaiu na conceituada e histórica casta Fernão Pires. Todos os autores, de todas as épocas são unânimes em destacarem as qualidades desta casta que confere aos vinhos “incomparável perfume e paladar” assim se referia Adolfo Coelho na obra “Digressões Gastronómicas no País das Uvas” aos vinhos de Almeirim. É estava cheio de razão ao escrever tão categórica afirmação. Além do brilho revelado no copo num bonito amarelo-palha, o nariz exultou ao receber aromas frutados, intensos, também florais e a feno recém cortado, enquanto que na boca expendeu harmonia vigorosa e consequente representação das fragâncias com um final feliz. A Adega também enviou amostras do tinto Varandas, colheita de 2008, premiado com a medalha de ouro no I Concurso de Vinhos Engarrafados do Tejo. O vinho proveniente de uvas das castas Syrah, Aragonês e Castelão, estagiou nove meses em barricas de carvalho francês e carvalho americano. Salvo melhor opinião trata-se de um vinho direccionado para consumidores adeptos de vinhos com alguma madeira, raçudos e competentes para acompanharem pratos de peixe e carne. Este Varandas vai nesse sentido, não me causando surpresa, antes pelo contrário, se obtiver visto bom, isto é: êxito no mercado americano. No tocante à prova, no copo exibiu brilho sem defeito, revelou aromas fortes a fruta gorda e flores secas, na boca deixou marcas de boa estrutura, picos de pimentão (não estou a delirar!), taninos arredondados presumo que a Syrah terá tido influência em tal resultado, acentuado carácter e um final guloso. Acompanhou alegremente galinha velha dotada de enxúndia, batatas coradas e queijo de cabra curado. Espero que a Adega de Almeirim continue na senda dos êxitos para bem dos nossos palatos e da nossa economia. Assim seja. Armando Fernandes

os diversos livros que me acompanhavam. A lista refere receitas tentadoras, caso das línguas de bacalhau, o arroz de pato, o cabrito assado à serrana, o coelho bravo, a perdiz com couve lombarda, o veado, e a lebre à moda do caçador. Um queijo semi-fresco merendeiro deu início à refeição, para

em seguida surgir o galo velho bem confeccionado com a carne a soltar-se pacificamente do osso, acolitado por untuoso e agradável molho em que, certamente, entrou vinho de qualidade. À parte batatas cozidas e couves alhadas e azeitadas. Um regalo palatal, saboreado sem pressas e em tranquilo ambiente. Um tinto

afável, logo arredondado nos taninos, bem estruturado e guloso coadjuvou em bom nível o galo em causa. Um pastel de Lorvão rematou a refeição que permitiu confortar os cinco sentidos. Armando Fernandes

Não encerra. Aceita cartões de crédito. Telefone: 239 477 333.


34 ADVOGADOS SANTARÉM A Dr. José Francisco Faustino; Dr Francisco Luís; Dr.ª Graça Ferreira e Sousa; Dr. João Rafael; Dr. Pedro Goulão; Dr. Pedro Matos Barbosa; Dr. Francisco Lopes Leitão - Rua Reitor Pedro Calmon, nº 6 - 1º – 2000-031 Santarém - Tel. 243327159 Fax 243327160 - adv.santarem@ mail.telepac.pt A Oliveira Domingos - Largo Cândido dos Reis, 3 -1º - Santarém Tel. 243326310 - Fax 243333587 oliveiradomingos-161e@adv.oa.pt A Sandra Alexandre - Rua do Colégio Militar, 10 - 2º esq. - 2000-230 Santarém - Telef./Fax: 243 322 268 A Dr. Francisco Antunes Luís - Av. D. Afonso Henriques, 89 - 2º Dtº - Santarém - Tel. 243321024/ 243321426 - Fax 243321425 advogados.s@mail.telepac.pt

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010 A Drª Margarida Lencastre Fróis - Praça Sá da Bandeira, 22 – 1º Santarém - Tel. 243325178 Fax 243325178 - margarida.lencastre@ gmail.com A Drª Cristina Saldanha - Av. D. Afonso Henriques, 67 – 1º Esq – Santarém - Tel. 243323019 Fax 243333414 - cristinasaldanha1531e@adv.oa.pt A Dr.º Martins Carreto - Rua Dr. António José de Almeida, 17-2º Dto - 2000-238 Santarém - Telefone 243333519 Fax 243326531 e-mail: artinscarreto-1078C@adv.oa.pt A Dr.ª Helena Marques Duarte - Rua Pedro de Santarém - 2 – 2º A - Tel. 243 352 407 – Fax. 243 352 409 - 2000-223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) - hmduarte-16362l@adv.oa.pt

A Dr. Morgado Ribeiro - Av. do Brasil – Edifício Scálabis, 1º Esq – Santarém - Tel. 243323143 Fax 243326144 - morgadoribeiro-185e@ adv.oa.pt

A Drª Ana Sofia Casebre - Rua Dionísio Saraiva, Lote 1 – 1º Andar – Porta A – Almeirim - Tel. 243579134 Fax 243579134 TLM 936280534 A Dr. Sérgio Luís Coutinho dos Santos - Praça da República, 18 A 1º - Apartado 61 – 2080-044 Almeirim Tel. 2435991172 - Fax 243593224 sergiosantos - 365e@advogados.oa.pt A Dr. Vítor Sousa - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626

A Dr. Pedro Borrego - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim -Tel. 243570091 Fax 243570099 - pedroborrego-2083e@ adv.oa.pt A Drª América Cravo - R. Dr. Óscar da Costa Neves, 8 - 1º - 2080-130 Almeirim - Tel. 243597946/8 Fax 243597947 - americacravo-855e@ adv.oa.pt A Drª Sónia Bento - Praça da República, 29 - 1º Esq.º - 2080-044 Almeirim - Tel. 243372159 Fax 243597999 sbentompires.adv@gmail.com

ADVOGADOS Av. 5 de Outubro, Nº 77, 3º Dtº - 1050-049 LISBOA Tel. 213 172 720 Fax. 213 172 729

ABRANTES

CARTAXO

A Mário P. Claro - Célia Cruz Rua Luís de Camões nºs 9 - 11, 1º Esq., 2200-421 Abrantes Tel 241 379 090 - Fax.: 241 363 364; Trv. da Batoca, 6 - 2140-149 Chamusca; Tel/fax: 249 760 058 E-mail: mclaro.ccruz.spa@mail. telepac.pt

A Drª Liliana Pita - R. Dr. Manuel Correia Ramalho, 9 – 2º Esqº - 2070095 Cartaxo - Tel 243703631 Fax 243703631- lilianapita-18943l@ adv.oa.pt

A Norberto Timóteo - Advogado Praceta do Chafariz, Lote 6- 1º Esq. - Apartado 93 - 2204-909 Abrantes; Tel.: 241 363 484; Fax: 241 365 234; Email: norbertotimoteo-169e@ advogados.oa.pt A Eurico Consciência & Associados - Abrantes - Apartado 37 Tel: 241372831 /2/3 - Fax: 241362645 - E-mail: consciencia-839c@adv.oa.pt A António Pires de Oliveira - Rua de Santa Isabel, nº 1- 1º Dto. 2200-393 Abrantes Tel.: 241 360 540 - Fax: 241 372 481 E-mail: dr.a.oliveira-355e@adv.oa.pt - Cédula Prof. 355 Évora

Armando Ferreira

A Drª Ana Fonseca e Silva - Praça 15 de Dezembro, 23ª - 2º A – 2070049 Cartaxo - Tel. 243704323 Fax. 2437074328 - anafonsecaesilva1002e@advogados.oa.pt

LISBOA A Albertino Antunes - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa Tel. 213172720 Fax. 213172729 A Alexandre Oliveira - Telem.: 969 239 263 - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa - Tel. 213172720 - Fax. 213172729

ADVOGADOS    

Rui Roboredo Consciência Eurico Heitor Consciência João Roboredo Consciência Teresa Roboredo Consciência

   

Normando Sérgio Rita Teimão Figueiredo Fernando Zuzarte Saraiva Helena Marques Duarte

ABRANTES: Rua de S. Domingos – 336 – 2º A – Apart. 37 Tel. 241372831/2/3 – Fax 241362645 – 2200 – 397 ABRANTES PONTE DE SOR: Rua Vaz Monteiro – 19 – 1º andar Tel. 242207319 – Fax 242203335 – 7400 – 281 PONTE DE SOR SANTARÉM: Rua Pedro de Santarém – 2 – 2º A Tel. 243352407 – Fax 243352409 – 2000 – 223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) LISBOA: Rua Braamcamp – 52 – 9º Esqº Tel. 213860963 – 213862922 – Fax 213863923 – 1250 – 051 LISBOA

assinatura anual por apenas 25,50 €

Francisco Pedrógão

A Drª Rute Nunes - Rua Dr. Lopes Batista, 5 B -1º E – Cartaxo TLM 914177635 Fax 243120102 - rute.nunes@apoiojuridico.com - www.apoiojuridico.com

MADEIRA LOPES FRANCISCO MADEIRA LOPES

ADVOGADOS

ADVOGADOS

Av. do Brasil - Edifício Scalabis - 1º F Tef.: 243326242 2000 SANTARÉM

A Drª Ana Gomes Ribeiro - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570093 Fax 243570099 - anagomesribeiro2104e@adv.oa.pt

Tel.: 243323700 - Fax: 243332994 Rua Elias Garcia, 24 - 1º Apartado 173 2001-902 Santarém

Tel: 243 328 444 - Fax: 243 391 079

ADVOGADOS

A Drª Ana Oliveira Simões - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570092 Fax 243570099 - anaoliveirasimoes2078e@adv.oa.pt

Telem.: 969 239 263

Travessa do Fróis, 3 - 1º e 2º

ANA MARTINHO DO ROSÁRIO ISABEL ALVES DE MATOS VICTOR BAPTISTA

A Dr. Adriano de Melo Nazareth Barbosa - Praça da República, 29 – 1º Esq. – Almeirim - Tel. 243597997/8 Fax 243597999

ALBERTINO ANTUNES ALEXANDRE OLIVEIRA

SOCIEDADE DE ADVOGADOS, RL

2000-145 SANTARÉM

A Dr. Manuel Faustino Silva - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626 - faustino-1239e@adv.oa.pt

A Drª Célia Sousa Pinhal - Praça Lourenço de Carvalho, 12 A 1º 2080-043 Almeirim - Tel. 243593737 Fax 243593737 TLM 966110936 Celiasp-1498e@adv.oa.pt

ORLANDO MENDES TERESA PINTO FERREIRA

E-mail: orlandomtpf_socadv.rl@mail.telepac.pt

ALMEIRIM

Pcta. Pedro Escuro n. 2 1.º Esq. Telef.: 243333821 Fax: 243391021 2000 SANTARÉM

E.Mail: consciencia-839c@adv.oa.pt

Visite o nosso Site: advogadosabrantes.com

FARMÁCIAS DE SERVIÇO SANTARÉM

ALMEIRIM

TORRES NOVAS

Sexta

3 Sá da Bandeira

Av.ª do Brasil, 38

243 322 966

Sexta

3 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 570 570

Sexta

3 Central

Rua de São Pedro, 5

Sábado

4 Confiança

Urb. Oliv. Arame - S. Domingos

243 306 410

Sábado

4 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Sábado

4 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

249 822 411

Domingo

5 Vitorino

Av.ª Bernardo Santareno, 24

243 326 704

Domingo

5 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Domingo

5 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

Segunda

6 Helena

R. Dr. Jorge Sena, 12 - Alto do Bexiga 243 420 214

Segunda

6 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Segunda

6 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Terça

7 Flama Vitae

Pç. Sá da Bandeira, 4 e 5

243 322 195

Terça

7 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 570 570

Terça

7 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

Quarta

8 Baptista

Rua Serpa Pinto, 101/3

243 322 072

Quarta

8 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Quarta

8 Lima

Av. de Sá Carneiro, Lote 7

249 822 067

Quinta

9 Veríssimo

R. Capelo Ivens, 74

243 330 230

Quinta

9 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Quinta

9 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

Sexta

10 S. Nicolau

R. Capelo Ivens, 38

243 325 067

Sexta

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Sexta

TOMAR

10 Correia de Oliveira

3 Torres Pinheiro

Rua Serpa Pinto, 27-33

249 312 206

Sexta

3 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Sábado

4 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Sábado

4 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Domingo

5 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Domingo

5 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Segunda

6 Central

Rua Marquês de Pombal, 16

249 312 329

Segunda

6 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Terça

7 Misericórdia

Rua Infantaria, 15, Nº 9

249 312 465

Terça

7 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Quarta

8 Torres Pinheiro

Rua Serpa Pinto, 27-33

249 312 206

Quarta

8 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Quinta

9 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Quinta

9 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Sexta

10 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

10 Dias Costa

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

CORUCHE

ALPIARÇA

Sexta

Sexta

10 Pereira Martins

Sexta

3 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Sábado

4 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Domingo

5 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Segunda

6 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

Terça

7 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Quarta

8 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Quinta

9 Frazão

Sexta

10 Higiene

Rua Direita, 64

243 660 099

Rua da Misericórdia

243 675 070

SALVATERRA DE MAGOS ABRANTES Sexta

3 Silva

CARTAXO

Sexta

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Sexta

3 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Sábado

4 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Sábado

4 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

Domingo

5 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Domingo

5 Abílio Guerra

Rua de S. Sebastião, 3

Segunda

6 Duarte Ferreira

R. Tenente Cor. J. B. Camejo, 13

241 333 222

Segunda

6 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 770 997

Terça

7 Motta Ferraz

Largo Mota Ferraz, 7

241 360 520

Terça

7 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Quarta

8 Santos

Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Quarta

8 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

Quinta

9 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Quinta Sexta

Sexta

10 Silva Tavares

9 Abílio Guerra Rua de S. Sebastião, 3 10 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 702 653

243 702 653 243 770 997

Sábado a Sexta

3 Martins 4 a 10 Carvalho

R. Heróis de Chave

263 504 319

R. Dr. Gregório Fernandes, 20/2 263 504 451

RIO MAIOR Sexta Sábado a Sexta

3 Cândido Barbosa Rua Serpa Pinto, 50 4 a 10 Almeida

243 994 700

R. Almir. Cândido dos Reis, 19 243 992 255

BENAVENTE Funciona 9 às 22 h

Baptista

Assegura serviço durante a noite Martins

Av. Dr. Francisco S. Dias, 8, 1º 263 580 108 R. do Diário de Notícias, 9-r/c

263 517 633


O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

saúde

D Hospitais devem 528 milhões

A dívida dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) às empresas de dispositivos médicos é actualmente de 528 milhões de euros, o que corresponde a um prazo médio de pagamento de 310 dias, divulgou a APORMED no seu inquérito trimestral às empresas associadas do sector, que disponibilizam no conjunto mais de 10 mil dispositivos médicos e hospitalares em todo o mundo.

Surgimed Anat.Patológica Dra. Margarida Mendes

Endocrinologia Dr. Luís Raposo

Ortopedia Dr. Duarte Cadavez

Cir.Geral/Obesidade Dr. Joaquim Costa

Gastroenterologia Dr. Júlio Veloso

Pneumologia Dr. Marco da Costa e Silva

Cirurgia Plástica Dr. Ribeiro de Carvalho

Medicina Interna Dra. Luísa Wandschneider

Cirurgia Vascular Dr. Mário Soares Clínica Geral Dra. Hélia Castro Dr. Benjamim Coimbra Dermatologia Dra. Joana Parente Dietética Dra. Célia Dias

Neurocirurgia Dr. Carlos Calado Neurologia Dr. Jorge Becho Neuropsicologia Dr. Nuno Pestana Oftalmologia Dr. Juan Palomares Dr. Castela Rodrigues

Psicologia Dra. Elsa Martins Dr.João Paulo Ribeiro Dra. Cátia Lima Psiquiatria Dr. Vítor Henriques Reumatologia Dr. Teixeira Costa Urologia Dr. Luís Barreto Dr. Luís Costa

Exames Complementares e Outros: • • • • • • •

Endoscopia Digestiva Alta Colonoscopia Fibrorectosigmoidoscopia Polipectomia Endoscópica Citologia Aspirativa Urofluxometria E.C.G.

• Trat. varizes (esclerose e laser) • Sedação profunda c/apoio de Anest. p/ exames endoscópicos • Laser Cirúrgico • M.A.P.A. • Holter 24 horas • Polisonografia em ambulatório

Marcações das 9:00 às 19:00 de 2ª a 6ª Feira Telef: 243 305 780 Fax: 243 305 781 Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6-r/c 2005-174 SANTARÉM Email: surgimed@mail.telepac.pt

35


36 SAÚDE

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Terapeuta Osteopata Rui Leite Ceficarte

CENTRO DE FISIOTERAPIA DO CARTAXO

MARCAÇÕES: Tlm.: 919 612 454 • Tel./Fax: 243 702 311 Av. João de Deus, n.º 10 r/c • 2070-011 Cartaxo

Dr. ARMANDO RODRIGUES LOPES INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243 327 546 - 2000 SANTARÉM

Drª MADALENA BARRETO INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243327546 - 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ LUÍS P. BARRETO UROLOGISTA Pela Ordem dos Médicos DOENÇAS DOS RINS, VIAS URINÁRIAS E APARELHO SEXUAL MASCULINO

F. RIBEIRO DE CARVALHO CIRURGIÃO PLÁSTICO Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética Cirurgia Estética e Reconstrutiva da Mama Cirurgia do Contorno Corporal Cirurgia Estética Facial Surgimed Pcta. Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6 - r/c SANTARÉM Marcações pelo Tel: 243 30 57 80

CONS. - SURGIMED

Pr. Eduardo Rosa Mendes n.º 6 R/C - Telef.: 243305780 2000 SANTARÉM

Dr. A. JÚLIO SILVA Médico Especialista ORTOPEDIA

SANTARÉM

Dr. Rui Castro Médico Especialista de Clínica Geral

CONSULTÓRIO: Rua José Saramago, 17-1º (edifícios atrás do Banco de Portugal)

Telef. e Fax: 243 327 431 Telemóvel: 917 770 678 CONSULTAS E MARCAÇÕES DIÁRIAS

CENTRO CLÍNICO DO CHOUPAL MED. FÍSICA E REABILITAÇÃO CONSULTAS Fisiatria (Dr.ª Helena Martins) (Dr. José Miguel Pais) Ortopedia (Dr. A. Júlio Silva) Psicologia (Dr.ª Elsa Couchinho) (Dr.ª Teresa Molina) Clínica Geral e doenças do Coração (Dr.ª Liliana Aleksandrov) ACORDOS FISIOTERAPIA: ADSE, ADMFA, ADMA, C.G. DEPÓSITOS, CTT, SAMS, TELECOM e SEGURADORAS R. Capitão António Montês, 4-A (Rampa Ciclistas) Tel. 243326935 - Fax: 243326935 2000 SANTARÉM

(Centro Clínico do Choupal) R. Capitão António Montez, 4-A Tel. 243326935 SANTARÉM

CLIMECO - Clínica Médica de Eduardo Lopes Oftalmologia Dr. Eduardo Lopes Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Oftalmologia Pediátrica Drª Cristina Amorim Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Ortóptica Dr. Alfredo Sousa - Drª Ana Ascensão Neurocirurgia Dr. Bello da Silva Acordos c/ Multicare

Neurologia Drª Adelaide Palos Dermatologia Drª Maria João Reumatologia Drª Manuela Micaelo Acordos c/ Multicare

Psicologia Drª Sandra Silva - Drª Isabel Baptista Medicina Interna Dr. Victor Bezerra Nutrição Drª Susana Rodrigues MARCAÇÕES PELO TELEFONE 243 328 303 Rua Colégio Militar, Lt. A - 1º Esquerdo (junto ao antigo Campo dos Leões) 2000 SANTARÉM


SAÚDE 37

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

Júlio Aranha

Drª ISABEL MONTEIRO

Cardiologista

Médica Cardiologista • Consultas de Cardiologia • Electrocardiogramas • Ecocardiogramas Modo M, 2D e Doppler a cor • M.A.P.A. (Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial) Rua Dr. António José de Almeida, nº 11, 4º Dt.º 2000 - SANTARÉM

Telef. 243 326 957

Sílvia Lencastre Fróis

Consultas de Cardiologia Ecocardiograma M e 2D Ecocardiograma com doppler e côr ECG Holter de 24 horas Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial Electrocardiograma Provas de Esforço SANTARÉM - Tel. 243 327 431 RIBACLÍNICA - CHAMUSCA - Tel. 249 760 031

Psicóloga Clínica

DRA. MARISA PERES

Psicologia Clínica e Psicoterapia Marcações pelo tmóvel -

MÉDICA CARDIOLOGISTA

918 732 116

Informo os meus estimados pacientes de que a minha colaboração com o IMS chegou ao fim.

Santarém • Coruche • Rio Maior

JOSÉ MANUEL PIRES TEIXEIRA MÉDICO ESPECIALISTA - GINECOLOGISTA / OBSTETRA ASSISTENTE HOSPITALAR GRADUADO do HOSPITAL DE SANTARÉM DOENÇA DA MAMA - DIPLOMADO e MASTER em Senologia / / Pat. Mamária pela F. de Medicina da Un. de Barcelona

Poderão, no entanto, continuar a contar com toda a minha dedicação e profissionalismo no vosso acompanhamento cardiovascular. Estarei disponível em:

ALMEIRIM: Clínica do Jardim: 243593422; Enfercentro: 243 579 601 AVEIRAS DE CIMA: Centro Médico de Aveiras: 263 474 976

DR. MARCÃO CLÍNICA - CIRURGIA - PRÓTESES DENTÁRIAS CONSULTAS TODOS OS DIAS Largo Cândido dos Reis, 11 - 1º Direito (junto à rotunda do hospital velho) Telef: 243 326 435 - 2000 SANTARÉM

Potenciais evocados EIectroencefalografia Estudos do Sono em ambulatório Testes Cutâneos Alérgicos Provas de Função Respiratória Imagiologia de Intervenção: Citologia da Mama Citologia da Tiróide Biópsia Prostática eco-guiada Meios Terapêuticos: Litotrícia Ortotrícia Análises Clínicas

Santarém | R. Prof Pinto Correia Lote 6 C/v, 2005-266 T: 243 303 180 F: 243 303 188 Tomar | R. António Joaquim Araújo nº 32, 2300-555 T: 249 329 020 249 310 430 F: 249 320 029 Entroncamento | R. Ant.º Amílcar Correia nº 9, 2330-255 T e F: 249 719 984 Abrantes | CHMT - Largo Eng.º Bioucas, 2200-202 T: 241 372 396 241 331 676 F: 241 361 521 Sertã | Av. Nuno Álvares Pereira nº 924 R/c, 6100-733 T: 274 603 433 F: 249 320 029 Torres Vedras | Av. General Humberto Delgado nº 22D, 2560-272 T: 261 319 130 F: 261 315 535 Santarém | Prolongamento da Praceta Jaime Cortesão Lote 4 C/v Dt.ª, 2000-228 T: 243 333 969 F: 243 321 945 e-mail: geral@crtomar.pt

DR. JOSÉ BRANCO PSICÓLOGO CLÍNICO E PSICOTERAPEUTA MEMBRO EFECTIVO DA ORDEM DOS PSICÓLOGOS

CENTRO MÉDICO E DE ENFERMAGEM DE ABRANTES

MEMBRO FUNDADOR DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PSICOTERAPIAS CONSTRUTIVISTAS

CONSULTAS DIÁRIAS DAS 10H. ÀS 20H.

Largo de S. João, N.º 1 - Telefones 241 371 566 - 241 371 690

C O N S U LTA S

Médico especialista de ESTOMATOLOGIA (Doenças da boca e dentes) pela Ordem dos Médicos e pelo Hospital de Santa Maria

Uro-TC Dental Scan Angiografia Fluoresceínica Ecografia Geral Ecografia Cardíaca Döppler Ecografia Obstetrica Radiologia Digital Mamografia Digital Ortopantomografia Digital Densitometria Óssea Digital Electromiografia

SANTARÉM: GFS (Estrada de S. Domingos, perto do Presídio): 243 328 890

CONSULTÓRIO NA CLÍNICA “FERRO DE ENGOMAR” Rua do Quintino, 9 - A - Tel.: 243770939 - CARTAXO

CONSULTÓRIO DENTÁRIO - Nova morada -

Ressonância Magnética 1,5 t RM Neuro/Corpo/Osteoarticular Difusão/Perfusão/Expectroscopia Quantificação fluxo do LCR Angio RM RM Mamária RM Cardíaca TC 64, 16 e 4 Cortes Angiografia Cardíaca Virtual Colonoscopia Virtual Broncoscopia Virtual Angio-TC

POR

ACUPUNCTURA Dr.ª Elisabete Alexandra Duarte Serra ALERGOLOGIA Dr. Mário de Almeida; Dr.ª Cristina Santa Marta CARDIOLOGIA Dr.ª Maria João Carvalho CIRURGIA Dr. Francisco Rufino CLÍNICA GERAL Dr. Pereira Ambrósio - Dr. António Prôa DERMATOLOGIA Dr.ª Maria João Silva GASTROENTERELOGIA E ENDOSCOPIA DIGESTIVA Dr. Rui Mesquita; Dr.ª Cláudia Sequeira MEDICINA INTERNA Dr. Matoso Ferreira NEFROLOGIA Dr. Mário Silva NEUROCIRURGIA Dr. Armando Lopes NEUROLOGIA Dr.ª Isabel Luzeiro; Dr.ª Amélia Guilherme

MARCAÇÃO

OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA Dr.ª Lígia Ribeiro, Dr. João Pinhel OFTALMOLOGIA Dr. Luís Cardiga ORTOPEDIA Dr. Matos Melo OTORRINOLARINGOLOGIA Dr. João Eloi PNEUMOLOGIA Dr. Carlos Luís Lousada PROV. FUNÇÃO RESPIRATÓRIA Patricia Gerra PSICOLOGIA Dr.ª Odete Vieira; Dr. Michael Knoch; Dr.ª Maria Conceição Calado PSIQUIATRIA Dr. Carlos Roldão Vieira; Dr.ª Fátima Palma UROLOGIA Dr. Rafael Passarinho NUTRICIONISTA Dr.ª Carla Louro SERVIÇO DE ENFERMAGEM Maria João TERAPEUTA DA FALA Dr.ª Susana Martins

CONSULTAS DE CARÁCTER SOCIAL: 4ª FEIRA (TARDES), EM LISBOA 6ª FEIRA (TARDES), EM ALVERCA LISBOA: CLÍNICA MOVIMENTO E SAÚDE, R. JOSÉ FALCÃO, 52, 2º, F (METRO ARROIOS) ALVERCA: R. CIDADE DE DÉVNIA, 21, 2º, DTO

MARCAÇÕES E INFORMAÇÕES:

961 285 155 e 216 037 099

CONSULTÓRIOS MÉDICOS DO JARDIM Praça da República, Nº 47 - 1.º - ALMEIRIM Junto à Farmácia Barreto do Carmo MEDICINA GERAL E FAMILIAR Dr.ª Emanuela Santos Andrade Dr. Generoso Barbosa Dr.ª Anabela Xavier de Basto PSIQUIATRIA Dr.ª Joana Alexandre Dr. João Chambel CARDIOLOGIA Dr.ª Marisa Peres NEUROCIRURGIA Dr. Rui Bello Silva PSICOLOGIA Dr.ª Sandra Silva Dr. Ricardo Luciano (Avaliação Psicoterapia c/ crianças) ENDOCRINOLOGIA Dr. Carlos Fernandes

CENTRO AUDITIVO WIDEX Audiologia  X  X  X X

Dr.ª Odete Batista Diagnóstico (adultos e crianças) Reabilitação Auditiva (Próteses Auditivas) Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Cerebral (PEATC) Protectores de Natação

Cardiopneumologia X

Dr.ª Patrícia Branco

PEDIATRIA Dr.ª Teresa Barracha Dr. Nuno Carvalho GINECOLOGIA/OBSTETRÍCIA Dr.ª Graça Marona Dr. Pedro Rocha (HDS) Dr.ª Lucília Gaspar (HDS) PODOLOGIA Dr.ª Liliana Fernandes

ORTOPEDIA Dr. Joaquim Simões CIRURGIA VASCULAR Dr. Edgar Berdeja FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA Fisioterapeuta Alexandra Claudino PNEUMOLOGIA Dr.ª Paula Cravo IMUNOALERGOLOGIA Dr. Abreu Nogueira DIETISTA/NUTRICIONISTA Dr.ª Susana Brites/ Dr.ª Helga Marques NATUROPATIA/ /HOMOTOXICOLOGIA Dr. Jaime João Tavares TERAPIA DA FALA Terapeuta Sandra Costa SERVIÇOS DE ENFERMAGEM Enf.ª Ana SHIATSU Drª Mª Rosário Salavessa ELECTROCARDIOGRAMAS Com Técnico Especializado CTG - Grávidas Holter - 24 h Mapa (Tensão Arterial)

Estudo do Sono

Acordos: CGD, SAMS, PT, Médis, Advance Care e Mondial Assistance

Acordos com ADVANCE CARE; MULTICARE e MÉDIS

Horário: 13.00 às 20.00 horas

Largo Cândido dos Reis, 14 - 1.º Esquerdo • 2000-241 Santarém Tel.: 243 391 547 • Fax: 243 391 549 • E-mail: audioteste@netcabo.pt

MARCAÇÕES

Tel 243 593 422 Tlm 969 902 195


38

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

imobiliário & classificados pt/120431130-10 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500

IMOBILIÁRIO arrenda-se A MORADIA T3 prox. de Fátima (estrada de Leiria) 250€/mês TLM 913437498 A QUARTO mobilado em Santarém TM 969303121 A Quartos em São Domingos TLM 966756276 A CARTAXO: Espaço comercial amplo, perto da Escola Secundária. Com arrecadação e 1 WC. Bastante potencial! 450 € www.remax. pt/121871072-65 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 961 334 733

IMOBILIÁRIO vende-se A CAFÉ Restaurante em Benfica do Ribatejo. Aceito permuta quase total valor. Preço 140.000€ TLM 969738212 A MORADIA na Azinhaga c/ anexos, vedada e sist. de segurança. Acesso ao 1º andar c/ escada iluminada. Salão (53 m2) c/ lareira, cozinha, despensa e escritório (zona social), 4 quartos (dois em suite c/ vestíbulo), arrumos. Acesso ao sótão. Logradouro ajardinado, garagem. AC e pré-instalação de som ambiente – 200.000€ www.remax.

A APT T4 c/ bons acabamentos, zona privilegiada do Planalto de Santarém, vistas panorâmicas, equipado c/ AC e aq. central. Com áreas generosas, pavimento do hall de entrada e sala em pedra, wc’s revestidos a pedra. Cozinha total. equipada e arrecadação – 137.000€ www.remax. pt/120431071-120 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500 A QUINTINHA na Vila da Marmeleira c/ 4960 m² de lote, vedada c/ árvores e jardim. Amplos espaços de estar, zona de sala de jogos, c/ carácter rústico. Cozinha equipada, 2 quartos c/ roupeiro. Aq. central c/ caldeira a gasóleo e lareira c/ recuperador de calor. Garagem, alpendres, churrasqueira e forno, cozinha rústica. O terreno permite o loteamento. Possibilidade de aumentar o número de divisões. Alarme – 190.000€ www. remax.pt/120431105-18 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T2 no centro de Santarém. Composto por 2 quartos, 2 salas (uma de estar e outra de jantar), 2 casas de banho, cozinha e marquise c/ ar cond., aproveitamento de sótão c/ entrada pela despensa e varanda. Vista desafogada e muita luminosidade – 59.000€ www.remax. pt/120431070-155 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT em S. Domingos, com 3 quartos (um em suite), sala c/ lareira e AC, cozinha c/ placa, forno e esquentador, despensa na cozinha e área de estendal. Roupeiros. Edifício bem cuidado no seu interior e exterior. Boa localização, perto de comércio. Lugar de estacionamento e arrecada-

ção com 4,20 m². – 122.000€ www.remax.pt/120431104-16 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T4 Duplex, em S. Domingos, vistas deslumbrantes. 5 Assoalhadas, 4 Quartos (um deles em suite), 4 casasde-banho. Lugar de parqueamento, Ar cond., lareira c/ recuperador de calor, cozinha totalmente equipada – 180.000€ Possibilidade de arrendamento por 675€ mensais, totalmente mobilado. www.remax. pt/120431071-180 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T4 para venda junto às Finanças de Santarém. O apt possui 2 casas de banho, sala c/ varanda, marquise e despensa. Possibilidade de ficar equipado e mobilado. Perto de tudo e com bons acessos 80.000€ www.remax. pt/120431121-48 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T2, Almeirim, coo novo, cozinha equipada, logradouro c/churrasqueira. Valor 90.000,00€ - Ref. A-327 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A TERRENO c/ 165m2, Almeirim, c/ moradia para demolir. Valor 27.500,00€ Ref A-326 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A APT T3, Almeirim, novo, lugar garagem, ar condicionado, cozinha equipada, excelentes. Valor 115.000,00€ Ref. A-322 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A MORADIA T2 rural, na Várzea, 1900m2 terreno, zona sossegada. Valor 68.000,00€ - Ref. A-320 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A LOJA em Santarém, nova, 110m2, grandes montras.

CRÉDITOS PAU LO N I ZA * CRÉDITO RÁPIDO P/ INÍCIO DO SEU NEGÓCIO Taeg desde 7,00%

* CRÉDITO PESSOAL OU CARTÃO DE CRÉDITO C/ ASSINATURA DE 1 SÓ TITULAR, SE CASADO Taeg desde 12,06%

* CRÉDITO CONSOLIDADO COM E SEM HIPOTECA C/ REDUÇÃO ATÉ 60% DO ENCARGO MENSAL Taeg desde 6,59%

* CRÉDITO COM GARANTIA DO SEU AUTOMÓVEL E NEGÓCIOS AUTO ENTRE PARTICULARES Taeg desde 18,52%

* LINHAS DE CRÉDITO COM APOIO DO ESTADO PARA INÍCIO DO SEU NEGÓCIO E PARA EMPRESAS JÁ EXISTENTES Taeg desde 2,50%

* CRÉDITO HABITAÇÃO E TRANSFERÊNCIAS COM REDUÇÃO DA SUA PRESTAÇÃO MENSAL E POSSIBILIDADE DE TAXA FIXA Taeg desde 5,1994%

* CONTACTE-NOS MESMO QUE TENHA PROBLEMAS BANCÁRIOS, POIS EM MUITOS CASOS AINDA TEMOS A SOLUÇÃO

www.pauloniza.pt Urb. Vila das Taipas. Lt.4 – r/c Drt. 2080-067 Almeirim E-mail: geral@pauloniza.com

Telf.: 243 579 296

Telm. 938 879 678

Valor 97.500,00€ - Ref. S-574 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A São Vicente Paúl - Moradia T3, usada, como nova, c/ 2 quartos, suite , cozinha, sala, 2 wc, alpendre, garagem. 2 cadernetas urbana c/1.000m2 e rústica c/3.020m2. convida ao relax e qualidade de vida . ZEN , c/ a capital do gótico e entrada para A1 a 10 min. ZEN MOR.199 PREÇO 175.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – Jardim de Baixo Moradia T3, r/c e 1º, usada, soalheira, em ópt. estado, pré-instal. p/ paneis solares, logradouro, alpendre, garagem indiv..Zona residencial mtº aprazível, próx. entrada A1, zonas comercias, escolas e cidade de Santarém. ZEN MOR.198 PREÇO 165,000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Romeira Moradia T4+1. r/ chão, cave e sótão. No r/chão: hall, sala, quarto, suite, wc e alpendre; na cave: cozinha, despensa, casa máq., 2 quartos, casa jantar e wc. Sótão amplo. 2 cadernetas, urbana c/ 450m2, rústica c/ 11.680m2. ZEN MOR.130 PREÇO 199.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Alpiarça Moradia T5+1,usada ( cave, r/c e 1º), proj. numa construção e acab. Qualidade, zona habitacional privilegiada...Barragem, Museu dos Patudos e Reserva Natural do Cavalo Sorraia. ZEN MOR.168 PREÇO 280.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – S.Salvador Apt Duplex T2, usado, bem cons., bons acab., 2 quartos, sala, Wc ,cozinha, zona arrumos, garagem priv. c/ acesso ao duplex, arrecadação, em zona calma, a 3 min. centro da cidade, e 5 min.

A APARTAMENTO T3 São Domingos, Usado, ar condicionado box fechada, Oportunidade de negócio. Preço: 95.000,00€ - Ref. 700 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

acesso a A1 .ZEN APT.107 PREÇO 97.500€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243

A1. 32.000 € www.remax. pt/121871073-20 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 961 725 440

A Almeirim Apt T3, novo, hall (tecto falso c/ projec.) 2 quartos (roupeiros de correr), 1 suite( banheira hidrom. wc c/ janela), sala, wc, cozinha semi-equipada c/ electrodom. INDESIT, garagem (box indiv. exterior, c/ água e luz ligado cada fracção), zona agradável, c/ jardim, bons acessos rodoviários ZEN APT.155 PREÇO 105.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243

A SANTARÉM, S. Nicolau: Terreno urbano c/ 1.990 m2, que permite uma área de implantação de 498 m2 e uma área bruta de construção de 995 m2 (2 pisos). Inserido em zona de moradias novas. 97.500 € www. remax.pt/121871081-13 RE/ MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 962 191 373

A APARTAMENTO T3 Jardim Cima, novo, coz. Equipada Estores elec., ar condicionado, Lg. Garagem. Oportunidade Preço: desde 98.000,00€ - Ref. 794 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A VILA CHÃ DE OURIQUE: Lote de terreno urbano c/ projecto aprovado p/ construção de moradia com 125 m2 de área coberta. 35.000 € www.remax.pt/121871049232 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 969 754 602

A MORADIA T4+1 Jardim Baixo, nova, coz .equipada Painéis solares, rec. calor, logradouro, Garagem. Excelente negócio Preço: 235.000,00€ - Ref. 801 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A ALCANHÕES: Moradia T4 no centro da localidade. 2 salas, terraço, quintal c/ barbecue e anexo c/ cozinha e WC - tipo tertúlia. 120.000 € www.remax.pt/12187107434 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 926 613 906

A MORADIA T3 Fazendas Almeirim, nova , arrecadação, lavandaria, garagem, ar condicionado, Rec.calor, logradouro. Oportunidade Preço: 150.000,00€ - Ref. 779 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A RIBEIRA RUIVA, Torres Novas: Casa de aldeia p/ reconstrução (R/C e 1º piso), a 5 km de Torres Novas e a 8 km da entrada da A1 e A23. 15.000 € www.remax. pt/121871074-20 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 926 613 906

A PRÉDIO T3 S. Salvador, 160m2área útil, 2 pisos, para remodelar. Preço: 150.000,00€ - Ref. 778 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A Apt. usado T2 Almeirim c/ 1 lugar de garagem. 100.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Casa antiga em Ponte do Soleiro/ Santarém. 50.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A LOJA c/ + - 40 m2 em Santarém na zona histórica. 42.500€ neg - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. usado T2 em Santarém. 65.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. novo T3 c/ garagem em Almeirim. 126.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A FAJARDA, Coruche: Lotes de terreno p/ construção, c/ om projecto aprovado e todas as infra-estruturas.A 10 min. da A13 e a 40 min.de Lisboa. Desde 28.000 € www.remax. pt/121871056-147 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 967 470 539

A AZOIA DE BAIXO: Moradia T3 rústica c/ logradouro, churrasqueira e espaço de garagem. Localizada numa aldeia de excelência, a 2 minutos da A1 (Santarém). 95.000 € www.remax. pt/121871074-2 RE/MAX Milénio – Cartaxo | AMI 6883 Tel. 926 613 906

A ALMOSTER: Terreno de 4.120 m2 c/ viabilidade de construção p/ moradia 300 m2 + anexos 160 m2. Electricidade e pequeno poço de regadio. A 10 min. da saída

A MORADIA T3 Arneiro Tremês, 415m2 útil, Com terreno, a 10km Santarém Preço: 125.000,00€ - Ref. 363 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

FAUSTINO SANTOS

Acupunctura / Hipnoterapia Clínica Licenciado em Medicina Tradicional Chinesa Curso pós-graduado de aperfeiçoamento de Hipnose em Clínica Médica (componente de especialização) da Faculdade de Medicina de Lisboa

Praceta Pedro Escuro, 10 - 3.º Esq.º - (Junto à Rádio Pernes) MARCAÇÕES - Telemóvel: 962 600 338

www.faustinosantos-acupunctura.com

A SANTARÉM – Arredores Moradia de 5 Assoalhadas a Necessitar de Obras; Arrecadação; Garagem; Logradouro c/ 250m2; Poço; Bons Acessos. Ref. 3519 Preço: 76.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Marvila Apt 3 Assoalhadas; Sala c/ Varanda; Arrecadação no Sotão; Localizado Junto a Comércio e Serviços; A 5 Minutos do Centro da Cidade. Ref. 4231 Preço: 75.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Arredores Prédio R/C e 1º Andar; R/C c/ Loja, Área Privada, Cozinha, Sala, Escritório e W. C; ; Arrecadação; Garagem c/ 100m2; 1º Andar c/ 4 Assoalhadas, Cozinha, W. C. e Terraço; Área Total de 251m2; Logradouro c/ 30m2; Muito Bem Localizado. Ref. 3815 Preço: 135.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – S. Nicolau Apt 4 Assoalhadas; Boas Áreas; Remodelado; Localizado em Zona de Moradias; A 2 Minutos do Centro da Cidade; Vista Sobre a Lezíria Ribatejana; Aceita Permuta por T2 em Lisboa em Zona de Bairros Históricos. Ref. 4224 Preço: 90.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Arredores Moradia p/ Recuperar; Inserida

em Terreno c/ 8.160m2; Árvores de Fruto e Olival; Localizada em Zona de Quintinhas Rústicas a 10 Minutos da Cidade de Santarém; Zona de Grande Beleza Paisagística Servida por Bons Acessos. Ref. 4148 Preço: 66.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

IMOBILIÁRIO compra-se A INVESTIDOR pretende comprar Farmácia na região centro TLM 966756276

EMPREGO oferece-se A SERVENTE const. civil obras públicas TLM 927732803/ 966997886

DIVERSOS geral A VENDO Discos Anos 80 TLM 966997887 Moche

VEÍCULOS vende-se A AUDI A4 2005 140cv Livro revisões 5W TLM 964593454

DIVERSOS mensagens A SENHOR 50 anos procura Srª dos 40 a 50 anos p/ viver em França T 0033663897038 (a partir das 17h) ) A PROCURO senhora até aos 50 anos assunto sério TLM 914143540

EMIGRANTE TROCA OU VENDE T4 C/ SÓTÃO E TERRAÇO EM ALPIARÇA P / T2 EM SANTARÉM Tlm 961 897 624


SERVIÇOS / PUBLICIDADE 39

O Ribatejo 3 | Dezembro | 2010

PEDRO MATAFOME AGENTE DE EXECUÇÃO CÉDULA 1793 Tribunal Judicial de Santarém Processo: 139/08.4 - 3.º Juízo Execução Comum - Pagamento de Quantia Certa Exequente: Banco Comercial Português, S.A Executado: Rosa Maria Teixeira Romariz e Joaquim da Conceição Cândido dos Santos

EDITAL 2.ª PUBLICAÇÃO

Faz-se saber que, nos autos acima identificados, se encontra designado o dia 15 de Dezembro de 2010, pelas 9:30 horas, no Tribunal Judicial de Santarém - 3.º Juízo, sito no Campo Sá da Bandeira 2000-024 Santarém, para a abertura de propostas, que sejam entregues até esse momento, na secretaria deste Tribunal, pelos interessados na compra do seguinte bem: VERBA I PRÉDIO URBANO, sito no Largo Pedro António Monteiro, no segundo andar com área total de 90 m2, na Freguesia Marvila, Concelho de Santarém, destinado a habitação, inscrito na matriz sob o art. 1959 fracção C e descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o n.º 99 fracção C. O bem pertence ao executado Joaquim da Conceição Cândido dos Santos contribuinte 222893419 VALOR BASE: 99.503,84 € (noventa e nove mil quinhentos e três euros e oitenta e quatro cêntimos). Será aceite a proposta de melhor preço acima do valor de 69.652,68 € (sessenta e nove mil seiscentos e cinquenta e dois euros e sessenta e oito cêntimos), correspondente a 70 % do valor base. É fiel depositário, o próprio executado, devendo mostrar o bem, a pedido. Das propostas apresentadas deverão os proponentes, juntar cheque visado à ordem do Solicitador de Execução, no montante correspondente a 5% do valor base do bem ou garantia bancária no mesmo valor, como caução, identificar-se, fazendo constar das mesmas o nome completo, morada, número de bilhete de identidade e número de contribuinte, em envelope selado somente com a indicação na parte exterior do no de processo e juízo e tribunal correspondente. As propostas remetidas por correio deverão ser enviadas de forma a serem recebidas antes da data e hora agendadas. Não se encontra pendente nenhuma oposição à execução, nem foram reclamados créditos. Amiais de Baixo, 19 de Novembro de 2010 O Agente de Execução Pedro Matafome (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1309 de 3.12.2010)

CAIXA DE SALVATERRA DE MAGOS

PERNES

CONVOCATÓRIA Nos termos do nº 2 do artigo 22º, da alínea d) do artigo 8º e das alíneas b) e f) do artigo 23º, dos Estatutos da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Pernes, CRL, pessoa colectiva e de matricula na Conservatória do Registo Comercial de Santarém nº 500990689, com sede na Rua Eng.º António Torres, 140, em Pernes, convoco a Assembleia Geral, a reunir em sessão ordinária, para o dia 17 de Dezembro de 2010, SEXTA-FEIRA, pelas 17,00 horas na sede desta Caixa Agrícola, a fim de tratar dos seguintes assuntos: Ponto Um - Discussão e votação do Plano de Actividades e Orçamento para o ano de 2011; Ponto Dois - Discussão e votação do Plano de Formação para 2011; Ponto Três - Deliberar sobre a política de remuneração dos membros dos órgãos de Administração e Fiscalização para o exercício 2010; Ponto Quatro - Deliberar sobre a política de remuneração dos membros dos órgãos de Administração e Fiscalização para o exercício 2011; Ponto Cinco – Discussão e votação da Proposta de aumento do Capital Social por incorporação da Reserva Legal. Ponto Seis - Outros assuntos de interesse colectivo. Não comparecendo a maioria dos sócios à hora acima indicada, fica desde já convocada a mesma Assembleia-Geral para uma hora depois, de harmonia com o nº 2 do artigo 25º, com qualquer número de associados. O Plano de Actividades e o Orçamento encontram-se para consulta dos associados no balcão da sede desta Caixa. Pernes, 26 de Novembro de 2010 O Presidente da Mesa da Assembleia-Geral Manuel Joaquim Botequim Costa (Dr.)

CONVOCATÓRIA Em cumprimento de disposições Regulamentares e Estatutárias convoco a ASSEMBLEIA GERAL DA CAIXA DE CRÉDITO AGRÍCOLA MÚTUO DE SALVATERRA DE MAGOS, CRL, Pessoa Colectiva 501116591, para reunir em sessão ordinária, nas instalações da sua Delegação de Marinhais, pelas 14H00 do dia 21 de Dezembro de 2010, com a seguinte

ORDEM DE TRABALHOS 1 – Discussão e votação da proposta de PLANO DE ACTIVIDADES e ORÇAMENTO para o exercício de 2011 apresentado pelo Conselho de Administração e Parecer do Conselho Fiscal sobre estes documentos; 2 – Discussão da proposta do Conselho de Administração da política de remuneração dos Membros do Órgão de Administração e de Fiscalização da Caixa; 3 – Discussão sem poder deliberatório de qualquer assunto de interesse colectivo dos sócios. Se à hora marcada para a reunião não estiverem presentes mais de metade dos associados, a Assembleia reunirá, com qualquer número de sócios, uma hora depois. O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA GERAL (José Manuel da Silva Ferreira Moreira


tempo: chuva O tempo pelo distrito vai continuar geralmente nublado e com ocorrência de aguaceiros durante toda a semana. As temperaturas minímas vão rondar os 5 graus e os 16 de máximas. 3 | DEZEMBRO | 2010

∑agenda Sábado

Santarém ∑ Jorge Palma em concerto acústico, às 21h30, no teatro Sá da Bandeira Cartaxo ∑ Festival de música urbana do Cartaxo (MUCO), dias 3 e 4, no CCC. Abrantes ∑ Espectáculo Metofonia, no cineteatro S. Pedro, às 10h30. Alcanena ∑ Concerto coral pelo Centro de Artes e Ofícios Roque Gameiro, às 21h30, no CineTeatro S. Pedro

Impresso em papel que incorpora 30 por cento de fibra reciclada, com tinta ecológica de base vegetal

Deputados do PS em defesa do Orçamento de Estado Orçamento do Estado ∑ Investimento de 163 milhões na educação Os deputados do PS eleitos por Santarém fizeram uma “análise detalhada do Orçamento do Estado” e sublinham “o grande esforço e coragem política do Governo do PS” e “louvam a atitude responsável e credível que o PSD nacional na Assembleia da República assumiu, ao não votar contra o PIDDAC por não representar senão uma reduzida parte do investimento do Estado em cada Distrito”. Os deputados do PS sublinham que “só o investimento já em obra no ano de 2010 na área da Educação é superior a todos os PIDDAC’s de todos os governos dos últimos 15 anos. No distrito o investimento no programa de

modernização das escolas do ensino secundário é superior a 100 milhões de euros. No Programa Nacional dos Centros Escolares, foram aprovadas 28 candidaturas, num investimento de mais 63,5 milhões de euros. A construção do IC9 que tem um custo no nosso Distrito de cerca de 65 milhões de euros. A construção da Escola Superior de Desporto em Rio Maior está orçada em mais de 15 milhões de euros. A esquadra de Ourém e Cartaxo e o novo Posto da GNR de Alcanena orçam em mais de 4 milhões de euros. O novo quartel do Comando da GNR em Santarém está orçado em mais de 1,2 milhões de euros. Nos

Quartéis dos Bombeiros de Abrantes, Coruche, Samora Correia, Ourém e Caxarias, estão consignados mais de 5 milhões de euros de investimento em 2011. As três lojas do cidadão (Santarém, Ourém e Abrantes) em execução no distrito custarão mais de 2 milhões de euros. Os dois centros de saúde em obra (Fátima e Riachos) custarão mais de 1,5 milhões de euros. No Eco-Parque do Relvão na Chamusca estão previstos para 2011 investimentos do QREN superiores a 100 milhões de euros. Obras de concretização do Programa Pares de Lares de Idosos e Creches mais de 2 milhões de euros.

Cidades solidárias em debate “Cidades solidárias – que Futuro?” foi o tema da sessão pública que reuniu, em Lisboa, um conjunto de personalidades no debate sobre a importância da cidadania e da solidariedade como elemento chave da coesão social necessária à consolidação do crescimento económico e competitividade da Região. Organizada pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo (CCDR-LVT), a iniciativa integrouse no programa da Semana Europeia das Regiões e Cidades - Open Days 2010. “Infelizmente ainda persistem nos nossos territórios áreas urbanas que podemos considerar críticas”, declarou a presidente da CCDRLVT, Teresa Almeida, apontando as “áreas situadas nas coroas periféricas mais desqualificadas da Área Metropolitana de Lisboa, ao longo dos principais eixos de expansão suburbana, com problemas sociais significativos; e as áreas situadas nos núcleos urbanos antigos descaracterizados, habitados por uma população idosa de baixos recursos ou por uma classe média-baixa”, afirmou a presidente da CCDRLVT, Teresa Almeida, considerando que “a urgência de agir e investir na reabilitação destas áreas, promover a qualificação urbana de forma integrada entre o urbano, o social, o económico e o ambiental”.

rosário breve

Dois mil anos mais dois

Daniel Abrunheiro

Embora a datação seja ainda algo controversa, deve ter sido há coisa de vinte séculos que certa obra-prima da literatura latina (logo, universal) viu a luz do dia. Falo-vos de Satyricon, hilariante (mas seriíssima, também) narrativa de um tal Petrónio. Há mais do que uma versão portuguesa da obra, mas a que vos recomendo é a que Delfim F. Leão preparou em 2005 para a editorial lisbonense Livros Cotovia. Lendo-a, tropecei em mil e uma virtudes diegéticas, estilísticas, estruturais, o diabo a quatro. Petrónio é grande escritor, Satyricon é deveras livro de primeira-água. Trago-vos (re)citações de alguns trechos. Ei-las: - “Panela onde muita gente mexe, ferve mal.”; - “Mas agora o povinho em casa é um leão, enquanto fora é uma raposa.”; - “Mas quem não pode malhar no burro, malha na albarda.”: - Uma cobra não vai parir uma corda!”; - “Se não houvesse mulheres, teríamos de tudo aos pontapés; mas assim é mijar quente e beber frio!”; - “Não sei por que razão é a pobreza irmã da sabedoria.”; - “Quanto mais não vale polir o sexo que o siso!”; - “Anda à procura de si a natureza e não se encontra.”; - “O povo está à venda, a cúria do senado à venda está: o favor reside apenas no preço.” Permite-me agora, meu querido irmãoleitor, que a estas pérolas com dois milheiros de anos junte duas outras. São de factura portuguesa. Uma é de 1980. Foi escrita a 13 de Janeiro desse ano pelo Professor António José Saraiva no Prólogo do seu, dele, livro Filhos de Saturno – Escritos sobre o Tempo que Passa (Bertrand, 1980): - “Se o mercado mundial é um dos processos característicos da nossa civilização, é evidente que a mundialidade do mercado é um dos problemas que contam na conjuntura nacional.” Avisadas e sábias palavras a que uno estoutras de Manuel Laranjeira (não sei de que obra, lamento). A data é fácil. Troquem de lugar o 8 e o zero da citação anterior. Dá 1908. Foi quando o poeta disse: - “Mas não nos iludamos: ou nos salvamos nós ou ninguém nos salva.” Fico por aqui, amigo. Faz favor de reflectir (no duplo sentido de reflexo e reflexão) Petrónio, Saraiva e Laranjeira. daniel.abrunheiro@gmail.com


edição 1309