Page 1

DIRECTOR Joaquim Duarte

SEMANÁRIO 30 de Abril de 2010 | Ano X X V | N. 1278 | €0,80

(IVA 5% incluído)

Telefone 243 309 600 · Fax 243 333 766 · Centro Nacional de Exposições - Quinta das Cegonhas - Apartado 355 - 2000-471 Santarém info@oribatejo.pt · www.oribatejo.pt

Governo vai criar 3 novos tribunais na ex-Escola Prática de Cavalaria | página 6

Santarém vai ter Tribunal da Relação Especial Coruche

Tasquinhas com sabores de Toiro Bravo páginas 20 a 25

Região Ourives assaltado e baleado no restaurante página 14

Negócios Água de Coruche domina mercado nacional página 28

Região Roubos de cobre trazem prejuízos a agricultores página 12

EPC transformada em Fundação da Liberdade | página 6

Futebol Riachense é o novo campeão distrital página 30

Rota das Freguesias Fazendas de Almeirim vai ter centro escolar páginas 15 a 19


2

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

praçapública crónica de maldizer

sopa da pedra

Instantâneo

Olha quem voltou Eurico H. Consciência

Dia da liberdade Estava a verificar o prazo de validade dum saco de salada e, depois de ler Consumir até ao dia 28, perguntei à empregada do supermercado que estava perto, a repor legumes embalados nas prateleiras: - Faça-me um favor: diga-me que dia é hoje, para ver se esta salada… - 25. Hoje é o dia 25 de Abril – respondeu a moça; e acrescentou com um sorriso: O dia da Liberdade. Abanei a cabeça para acelerar o funcionamento dos miolos e disse-lhe, com espanto: - Pois é! E deveria garantir-se a todos os portugueses que pelo menos um dia por ano fosse dia de liberdade para todos. Para todos. Mas, sem independência económica, não há liberdade, porque os que estão na dependência de outros não dizem o que pensam se isso lhes acarretar prejuízos ou se desagradar aos seus “patrões”, e… A moça olhou-me com o sorriso incaracterístico de quem não está a entender o tonto que desatou a fazer discursos. Foi nessa altura que me lembrei de que há poucas repositoras de supermercados com cursos superiores. As que têm cursos superiores normalmente são caixas…

A antiga deputada e vereadora Luísa Mesquita foi a primeira a falar na sessão de lançamento da Fundação da Liberdade, no 25 de Abril. Ao vê-la no palanque, muitos julgaram-na de regresso à vida política, já como presidente da Fundação da Liberdade. Suspeitas exageradas. Moita Flores esclareceu-nos entretanto que não há ainda presidente da Fundação e que Luísa Mesquita foi convidada para discursar apenas na qualidade de “intelectual e personalidade da nossa cultura”.

Na calorosa recepção de Santarém ao primeiro-ministro, muitos populares sujeitaram-se a ficar como o senhor da foto. De boina na mão, os óculos escuros a caírem do nariz, um meio sorriso de quem não sabe ainda se foi assaltado, atropelado ou se foi só um furacão que passou…. Mas olhando bem, parece-nos que é Sócrates disfarçadamente a meter a mão nas esmolas do “ceguinho”w. E isso não é coisa bonita que se faça, nem com as desculpas da crise.

A promessa dos três efes Ora aí está a proposta de um artista para uma recepção mais condigna ao Papa na sua visita ao nosso país. O Cristo-Rei uniformizado com uma camisola do “glorioso”,

como pagamento de promessa pela conquista de mais um campeonato. Ou o regresso em força da velha trindade do futebol, Fátima e fado.

Santa Engrácia A reconstrução do antigo edifício da Casa da Portagem, na Ribeira de Santarém, ficou marcada por muitas vicissitudes, erros de projecto, queixas à justiça e um operário morto em acidente de trabalho. As chaves dos cinco fogos de ha-

bitação social situados no primeiro andar da Casa da Portagem foram agora finalmente entregues: domingo, dia 25 de Abril. A obra atravessou três executivos na Câmara Municipal de Santarém e levou seis anos a ser concluída.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 3

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Cartoon de António Maia

eles dizem r

O subsídio de férias devia ter de ser aplicado em títulos de dívida” Silva Lopes Ex-ministro das Finanças Jornal de Negócios

r Conquistar

um partido não é o mesmo que ganhar a confiança de um país” Alberto João Jardim O Diabo

a pergunta da semana

r

O que pensa da criação dos novos tribunais em Santarém?

A criação do Tribunal da Relação de Santarém é uma velha aspiração dos advogados das comarcas de Santarém e da região. Também apoiamos com toda a satisfação a decisão do Governo criar dois novos tribunais da concorrência e da propriedade intelectual em Santarém. É uma forma de aproximar os tribunais superiores do cidadão e irá permitir descongestionar o Tribunal da Relação de Lúcia Mata Lisboa, com a passagem de algumas comarcas Pres. Deleg. Ordem dos para Santarém.

Mais de 600 anos depois, Santarém recupera, parece, o seu Tribunal da Relação, velha aspiração da advocacia scalabitana. Também parece que em Santarém as coisas acontecem com esta celeridade. Quanto aos outros dois tribunais, se fosse egoista diria que devem vir esses e os demais que existam. Como não sou, julgo que é um tanto bizarro ter um tribunal da propriedade industrial numa região Oliveira Domingos agrícola e um tribunal da concorrência numa ciAdvogado - Santarém dade paralizada.

O Tribunal da Relação é uma velha aspiração e há anos houve um grande movimento nesse sentido, mas sem resultado. É uma medida muito positiva, permitirá descongestionar a Relação de Lisboa, mediante a transferência para Santarém de algumas comarcas do Oeste e do norte do distrito. Seria do maior interesse pata todos a criação também um pólo em Santarém do Tribunal Administrativo João Madeira Lopes e Fiscal, que foi transferido há 5 anos para Leiria.

Este anúncio é de grande importância e fundamental para uma melhor administração da justiça. O Tribunal da Relação de Santarém permitirá descongestionar a Relação de Lisboa e redimensionar geograficamente a área abrangida por Coimbra e Évora, tendo em conta que o Tribunal da Relação do Algarve já está criado, só não está ainda instalado. Os outros dois tribunais especializados vão desAntunes Gaspar congestionar os Tribunais do Comércio, onde os Juiz Presidente do Tribunal processos de insolvência são o grande problema.

Advogados Santarém

Advogado - Santarém

Para mim é um prazer ver Messi jogar, é como ter um orgasmo, um prazer incrível” Luís Figo TVE

r

Manuel Alegre informou a humanidade de que o PS é a sua ‘família’ Sem dúvida: uma daquelas famílias que acabam na esquadra mais próxima de cada vez que se reúnem Alberto Gonçalves Diário de Notícias

Judicial de Santarém

F editorial

Antes que o céu nos caia sobre a cabeça

Portugal não é a Grécia. Diz o governo. Os partidos da oposição fazem coro – no intervalo da comissão de inquérito ao negócio da TVI. E ouve-se o eco do Presidente da República, ainda com o dedo manchado de tinta da recente assinatura que permitiu que o orçamento de Estado para 2010 entrasse esta semana finalmente em vigor. Mas as agências de rating não percebem nada de geografia. E entendem na sua magnífica ignorância que Portugal fica bem ao lado da Grécia. E por via desse tremendo erro geográfico tramam-nos a cada dia que passa. Um senhor com o impronunciável nome de Kai Stukenbrock – o analista da agência Standard & Poor’s que agora incendiou as nossas vidas baixando em dois pontos o rating da república portuguesa, na linha do desastre grego – revelou o seu rosto e as suas transcendentes razões ao “diário económico”. Basi-

camente assim: “Estamos mais cépticos que o Governo que consigam reduzir o défice como pretendem. Além disso somos mais pessimistas nas perspectivas de crescimento para Portugal. Assim será mais difícil estabilizar o rácio da dívida”. Ou seja, este senhor acha que temos economia a menos e deficite a mais, pelo que resolveu dar-nos uma ajuda: agravar os juros dos nossos empréstimos. Em cima da crise que já tínhamos às costas, levamos com mais este fardo que traz a assinatura deste quadro de uma agência privada de avaliação de risco (ou rating), daquelas que lê o futuro da economia numa bola de cristal, provavelmente como o mesmo saber que usaram na previsão desta tremenda crise global que obrigou os governos a financiarem a banca para evitarem o descalabro financeiro. Definitivamente, a política está a perder o braço de ferro com

os especuladores, também na defesa do euro. Muito por falta de liderança e de visão europeia, mas sobretudo por não sermos ainda uma Europa federada. Esta semana houve um acontecimento em particular que nos abriu uma nesga de esperança: Sócrates e Passos Coelho de mãos dadas. Governo e PSD num arranjinho provisório contra o inimigo externo que especula com a nossa, muito nossa crise. Vê-los na mesma toada política é tão estranho quanto preocupante, por ser o sinal claríssimo de que o recreio está a acabar. É certo que ainda temos por aí uma chuva de greves laborais a reclamarem aumento salarial, sobretudo na função pública e empresas do Estado que é onde o emprego está, até ver, mais seguro. Mesmo assim, o fervor sindicalista já parece ter conhecido melhores dias. A percepção de que a nossa eco-

nomia vive um período crítico generaliza-se a cada dia que passa. A necessidade de urgentes medidas de austeridade nacional que ainda na semana passada eram politicamente empurradas com a barriga para a frente, são agora incontornáveis. “Temos todos que responder”, disse o ministro da fazenda Teixeira dos Santos. Todos, somos dez milhões. E já se está a perceber que o esforço vai pesar mais nos do costume. Começou já com o corte anunciado no subsídio de desemprego: só 75% do último salário líquido, que é para os “malandros” dos desempregados aprenderem (se nos é permitida aqui a ironia). As crises doem sempre mais aos pobres. Mas para os que temem que o céu nos caia em cima da cabeça, estamos em crer que não será ainda hoje a véspera desse dia. Joaquim Duarte


4 PRAÇA PÚBLICA | OPINIÃO

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Director Joaquim Duarte joaquim.duarte@oribatejo.pt CP. n.º 867

Redacção - 243 309 601 João Baptista (chefe) joao.baptista@oribatejo.pt - CP. n.º 1157 João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt - CP. n.º 6911 Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt - CP. nº 8754 Jorge Guedes - CP. nº 2798 Jerónimo Belo Jorge - CP. nº 1907 (Abrantes) Maria João Ricardo - CP. nº 6383 (Abrantes) Vânia Clemente (Estagiária) Colunistas Armando Fernandes, Beja Santos, Carlos Chaparro, Daniel Abrunheiro; Eurico Heitor Consciência, José Niza, Luís Eugénio Ferreira, António Maia (Cartoon)

Colaboradores António Branquinho Pequeno, António Brotas, Alexandre Manuel, André Lopes (desporto), Adolfo Luís (fotografia futebol), Carlos Alberto Cruz, Hélder Duque (fotografia futebol), Joaquim Dâmaso (fotografia), João Grego Esteves, José A. Costa (fotografia futebol), Júlio Freches, Nuno Abreu (fotografia futebol), Nuno Matos (fotografia futebol), Renato Campos, Rogério Rodrigues, Rosalina Melro, Vítor Gomes (fotografia futebol)

Departamento Gráfico Vítor Arsénio (chefe), António Vieira

Projecto Gráfico

defrank - Comunicação Editorial defrank@interacesso.pt

Departamento Comercial - 243 309 602 Rita Duarte (directora comercial) 962 108 761 rita.duarte@oribatejo.pt Luís Silva - 962 108 756 Ana Marecos - 962 108 762 Sandra Amendoeira - 961 736 350

Secretariado - 243 309 600 Ana Sousa - 962 108 760

foto denúncia Mudar comportamentos e mentalidades é sem dúvida muito mais complicado que colocar caixotes do lixo e espalhar ecopontos por todo o lado, como é o caso aqui na aldeia de Marianos, concelho de Almeirim. Mesmo com os equipamentos à disposição, há quem ainda ache por bem deixar o lixo no chão, como se a responsabilidade terminasse só pelo facto de o transportar até próximo do contentor.

Penso logo insisto

Sede: Centro Nacional de Exposições Quinta das Cegonhas Apartado 355 2000-471 Santarém Geral: 243 309 600

Era uma vez... os bancos

Publicidade 243 309 602 Fax: 243 333 766

E-mail info@oribatejo.pt

Internet www.oribatejo.pt

Serviços assinaturas 243 309 600

Paginação e montagem Jortejo, Lda. - Santarém telef.: 243 309 605

Impressão Imprejornal, S.A. Rua Rodrigues Faria 103, 1300-501 Lisboa

José Niza

Distribuição Vasp

Assinaturas (52 Números) Portugal: 25 € Europa: 50 € Resto do Mundo: 75 € Preço Avulso 0.80 € (IVA incluído) Editora e proprietária: Jortejo, Lda. Apartado 355 2002 SANTARÉM Codex

GERÊNCIA Francisco Santos, Ângela Gil, Albertino Antunes

Departamento Financeiro Ângela Gil (Direcção), Catarina Branquinho, Celeste Pereira, Gabriela Alves, João Machado e Patrícia Santos. info@lenacomunicacao.pt

Departamento de Marketing Patrícia Duarte (Direcção), Susana Santos (Coordenação), Catarina Fonseca e Catarina Silva. marketing@lenacomunicacao.pt

Departamento Recursos Humanos Nuno Silva (Direcção) e Sónia Vieira. drh@lenacomunicacao.pt

Departamento Sist. Informação Tiago Fidalgo (Direcção) e Hugo Monteiro. dsi@lenacomunicacao.pt

Unidade de Projectos Lúcia Silva (Direcção) e Joana Baptista (Coordenação) projectos@lenacomunicacao.pt Tiragem semanal 9.500 exemplares Depósito Legal 13 983/86 Sócios com mais de 10% de capital Sojormédia: 83% Nº Registo no ICS: 111209 (20.11.85) Nº Contribuinte: 501636110

Autorizado pelos CTT a circular em invólucro fechado de plástico envoi fermé autorisé par les PTT Portugais · Autorização - Autorisation: Nº 16 DE 001602 DCE pode abrir-se para verificação postal

Em 2009 – no meio da crise que varreu Portugal e o Mundo – quatro dos maiores bancos portugueses (BES, BPI, BCP e Santander-Totta) tiveram um lucro diário – repito, diário! – de 5milhões de contos.

Uma coisa que devia ser de ensino obrigatório a todas as crianças e em todas as escolas do País é a forma como os bancos enganam as pessoas. Os bancos até parecem instituições beneméritas e filantrópicas – como a Caritas, ou o Banco Alimentar – e ajudam os pobrezinhos no Natal, embora no resto do ano nos arranquem o couro e o cabelo. (Quem anda por aí com estas atoardas são o Jerónimo e o Louçã, mas já toda a gente percebeu o que eles querem). Como ia dizendo, a verdade é que os bancos são organizações exemplares e as pessoas que lá trabalham muito bem educadas e sempre sorridentes, atentas e obrigadas. Nos bancos há os banqueiros e os bancários. E todos usam gravata. Só que os primeiros gastam do Giorgio Armani e os segundos, da feira de Carcavelos. Para além das gravatas, os banqueiros também se distinguem dos bancários porque ganham um bocadinho mais. Ouvi dizer – mas devem ser invenções do Louçã – que para ganhar o que um banqueiro ganha por mês, um bancário terá de trabalhar alguns anos. O que, aliás, é de inteira justiça, porque são os banqueiros que pensam as coisas e que dão as ordens. Quando as coisas correm bem, eles recebem milhões em ordenados, bónus e prémios. Mas quando as coisas correm mal, também recebem o mesmo. À excepção dos que vão à falência por excesso de roubalheira, como o BPN ou o BPP, nunca ouvi falar de um banco que tivesse “prejuízos”. Já alguém ouviu? O que às vezes acontece é que eles têm trágicas quebras de lucros. Por exemplo, em vez de ganharem 100 milhões, ganham só 99.

Os bancos vivem de uma coisa chamada “juros”. Quando um infeliz vai a um banco depositar umas poupanças, dão-lhe 1% de juros. E os funcionários – com caras de gatos-pingados muito tristes e de lágrimas ao canto do olho – esvaiem-se em prantos dizendo ao cidadão que não podem dar mais e que a culpa é do Euribor, dos “spreads”, dos “rankings”, dos “cash-flows” e de outras coisas em inglês. Mas, se o mesmo infeliz for ao mesmo banco, não para fazer um depósito, mas para pedir um empréstimo, não lhe

cobram menos de vinte e tal por cento. E os mesmos funcionários – com caras de gatos-pingados muito tristes e debulhados em lágrimas – dizem ao infeliz que o dinheiro está muito caro, que anda por aí uma grande crise, que têm de ir lá fora comprar euros, que 20% de juros até é uma pechincha e que é tudo por causa da Grécia. A caridade dos bancos também não tem limites: eles até dão milhões aos clubes de futebol só para verem o seu nome nas camisolas. E, como são muito bonzinhos, o Estado até só lhes cobra metade dos impostos que a sapataria ou o café

da esquina pagam. Talvez não seja por acaso que, em Santarém e junto ao hospital, os bancos são porta-sim, porta-não. A razão é simples: quando lhes pagam 1% de juros nos depósitos, ou lhes cobram mais de 20% nos empréstimos, as pessoas desatam a ter enfartes de miocárdio, ataques de fúria, crises de apoplexia. E, por isso, dá imenso jeito ter as urgências mesmo ali ao lado. Outra coisa que deviam ensinar às crianças é que, se um encapuçado assaltar um banco com uma pistola de carnaval, e gamar uns cem ou duzentos euros, é logo preso, julgado e condenado. O malandro! Mas, se os assaltantes forem peixe graúdo de colarinho branco - e, em vez de sacarem umas centenas de euros, roubarem milhões – nem sequer precisam de pistolas de plástico. Do que precisam é de bons advogados que vão arrastando os processos até que prescrevam. E eles, inocentados, possam de novo regressar ao jet-set, às missas dos domingos, ou a escrever livros contando os seus sucessos financeiros. Em 2009 – no meio da crise que varreu Portugal e o Mundo – quatro dos maiores bancos portugueses (BES, BPI, BCP e Santander-Totta) tiveram um lucro diário – repito, diário! – de 5milhões de contos. E, num recentíssimo inquérito do Expresso sobre as pessoas com mais poder em Portugal, os resultados foram concludentes: 1º- Ricardo Salgado (presidente do Banco Espírito Santo); 2ºBelmiro de Azevedo (Sonae); 3º- José Sócrates (Primeiro Ministro); e 6º- Cavaco Silva (Presidente da República)! Mais palavras para quê? Acho que estamos conversados.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 5

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

há vinte anos

números

133 Cavaco Silva, então primeiroministro, presidia ao centenário da Escola Prática de Cavalaria onde aproveitou para matar saudades da sua recruta em Santarém. Também Mário Soares, então Presidente da República, visitava Constância e ali defendia a criação da regionalização. Ladislau Botas despedia-se da liderança distrital do PS. E o grupo de teatro o Bando ensaiava em Coruche.

O Decreto-Lei 133/2009 obriga as instituições financeiras a fornecerem aos interessados no crédito ao consumo um pacote de informação pré-contratual, a Ficha de Informação Normalizada. Veio agora a Deco dizer que a maioria dos Bancos não está a disponibilizar essa informação, pelo que o consumidor não pode comparar propostas e optar pela mais vantajosa.

estrelas

Frederico Rasteiro Treinador do Atlético Riachense

Na terceira época sob a orientação do treinador Frederico Rasteiro, a equipa de futebol sénior do Atlético Riachense sagrou-se bicampeã distrital e está no bom caminho para arrecadar também a segunda Taça Ribatejo. O técnico Frederico Rasteiro e a sua equipa conseguiram ultrapassar a falta de recursos com inteligência e garra. Segue-se agora o desafio da 3.ª Divisão Nacional na próxima época. (pág. 30)

A espuma dos dias

João Vieira e Pedro Lourenço Alunos da EB 2, 3 de Alcanede

Noronha do Nascimento Presidente do Supremo Tribunal de Justiça

Estes dois alunos do 9º ano da Escola EB 2, 3 de Alcanede são os vencedores da fase distrital das XV Olimpíadas do Ambiente, e preparam-se agora para disputar nos Açores a fase nacional da prova. Este concurso, da Universidade Católica e Quercus, tem o alto patrocínio do Presidente da República e visa desenvolver os valores da cidadania e do respeito pelo ambiente nos nossos jovens. (pag. 8)

É talvez excessivo trazer aqui o rosto do Presidente do Supremo, até porque a sentença com que o STJ encerrou o caso tem uma pontinha de justiça, se assim se pode dizer. Mas 25 anos para os tribunais concluírem o processo de indemnização aos trabalhadores da antiga MDF do Tramagal é gritante. Já o “grande capital” conseguiu ser indemnizado bem cedo por causa das nacionalizações. (Pág. 48)

Opinião

Trabalhadores e especuladores

Crónica dos feitos de Salgueiro Maia

Na vida ao ritmo da crise e não ao ritmo do grupelho, da aldeia, da cidade ou da nação, na vida ao ritmo do Mundo as relações de trabalho sofreram uma tremenda transformação, que neste momento Armando Fernandes só em Portugal redundam em meio milhão de pessoas sem trabalho. É muita gente, que começou por ter esperança numa vida qualificada e que, Veja lá as cada vez mais, tem escassas contas hipóteses em ter um futuro sem dificuldades. Para muitos desatinadas de João o horizonte é negro num funRendeiro – do de miséria, amargurandolhes o quotidiano e a justificar o banqueiro maldades contra os outros e maravilha a propriedade. E, no entanto, – receos especuladores soltam risos de hiena satisfeita pois as nebeu três gociatas proporcionam-lhes milhões almofada e colchão de penas de euros – mesmo que possam ser conno ano da denados a recolhimento na falência do cadeia. Se não estou a exageBPP, mas o rar? Não, não estou caro leitor. Veja lá as contas desatinadas banco em de João Rendeiro – o banqueidez anos ro maravilha – recebeu três pagoumilhões de euros no ano da lhe doze falência do BPP, mas o banco milhões, em dez anos pagou-lhe doze tendo ele milhões, tendo ele declarado declarado bem menos ao fisco. Só os debem menos sempregados e os aflitos por não poderem pagar as díviao fisco. das apreendem na totalidade a infâmia do proceder do mágico financeiro, enquanto ele ensaia máscaras de fingimento a fim de passar por angélico rapaz sem mancha

É provável que existam textos ainda mais apocalípticos, brutais e crus do que estes. Pessoalmente, não conheço nada mais violento sobre a guerra, a morte estúpida, a dor incompreensível, a dignidade humana no grau zero, do que o testemunho Beja Santos que Salgueiro Maia nos deixou nos textos que intitulou “Crónica dos feitos por Guidage”. Faz parte do livro “Capitão de Abril, Histórias da Guerra do Ultramar e do 25 de Abril”, da autoria de Salgueiro Maia (Editorial O Vasco Notícias, 1994). Lourenço Estamos em Maio de 1973, a cotinha razão missão militar da companhia de Salquando me gueiro Maia está praticamente no disse que fim. Naquele dia 5 de Maio notou-se estes texuma azáfama anormal de meios aétos do Sal- reos; depois um forte tiroteio, pedegueiro Maia se apoio aéreo, da artilharia, evacuasão inigua- ções. Tudo aquilo partia de um destacamento onde Salgueiro Maia tinha láveis. O um pelotão. Sem hesitar, o capitão que mais avança para o destacamento. Aí, há aprecio é a notícia de um novo contacto com as capacidade forças do PAIGC, as nossas tropas tide ter agido veram seis mortos, há feridos graves, com tanta material abandonado, sobreviventes à deriva. Novo contacto, mais um dor contida. morto e três feridos graves. Os nosNão dá para sos soldados permanecem no terreperceber no, pedem auxílio. O comandante do como estes batalhão manda avançar uma comtextos não panhia em reserva para acudir aos camaradas, a companhia recusa-se são dados a avançar. Salgueiro Maia parte em às crianças seu auxílio: que vão “Para quem não conheceu a mata crescer a da Guiné, é difícil explicar como se consegue ir a corta-mato com viatuignorar a guerra que ras tendo de encontrar passagem por entre as árvores. (…) Chegados ao lofizemos. cal de combate, ainda pairava no ar

de pecado. Uma vergonha a envergonhar-nos a todos, o feiticeiro Madoff foi julgado e condenado rapidamente, o seráfico Rendeiro vai continuar a usufruir da fortuna amassada num ápice, sem sombra de remorso e protegido por muros, barreiras e as costas largas dos seguranças. Enquanto a continuidade do desemprego não sofre ameaça de alteração, antes pelo contrário, em vésperas do Dia do Trabalhador, ninguém fica indiferente perante a arrogância de um boy principescamente pago, apesar de não possuir currículo nem carreira, o qual logrou espantar os deputados ao negar-se a responder a perguntas e aproveitar o momento para defender o primeiro-ministro. Decerto, segundo as melhores tradições da culpa morrer solteira, o querubim Rui Pedro Soares sairá ilibado, tendo os contribuintes sorte senão lhe pagarem choruda indemnização. Ninguém gostou de ouvir o checo Klaus a dar um raspanete a Cavaco Silva, no entanto, o homem tem carradas de razão. Mas as culpas não podem ser imputadas aos trabalhadores, aos desempregados, aos reformados, aos meninos, aos pobres de pedir, aos desgraçados, às vítimas da fome, aos doentes, às raparigas das casas de alterne e a trabalharem na berma das estradas, aos cauteleiros, aos, aos.

o cheiro adocicado das explosões; os homens tinham um ar alucinado, de náufrago que vê chegar a salvação. (…) Mando montar segurança à volta da zona e pergunto pelos feridos ao primeiro homem que encontro – tem um ar de miúdo grande a quem enfiaram uma farda muito maior do que ele; parece de cera, olha-me sem me ver e aponta com o braço. Sigo na direcção apontada e depressa vejo uma nuvem de mosquitos e moscas: já sei que à minha frente tenho sangue fresco; debaixo de uma árvore, estão estendidos cinco homens; (…) a maioria do sangue vem de um dos homens que já está cheio de moscas. Dirijo-me para ele – está cor de cera e praticamente nu. Olha-me como que em prece; ninguém geme, o silêncio é total. Trago comigo o furriel enfermeiro e um cabo maqueiro. Mandoos avançar, assim como as macas. Dirijo-me ao ferido mais grave – o ferimento provém-lhe da perna. Tem em cima dela várias compressas empastadas de sangue. Tiro as compressas e vejo que o homem não tem garrote. Pergunto estupefacto por que é que não lhe fizeram um. Alguém me responde que o enfermeiro está ferido. Começo a sentir raiva”. O dia tomba, é impossível recorrer a uma evacuação por helicóptero, os feridos são depositados nas caixas dos Unimogs. O PAIGC volta a atacar, desta vez com foguetões de 122 mm. O ferido da perna morre. Salgueiro Maia escreve: “Guardo dele uns olhos assustados a brilhar numa pele branca e seca, a ficar vazia de vida porque, em 60 homens ninguém sabia o mais elementar em primeiros socorros: fazer um garrote”.


6

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

santarém JOÃO CORREIA: “QUEREMOS TER OS NOVOS TRIBUNAIS A FUNCIONAR NA EPC EM 2011”

PS APLAUDE CRIAÇÃO DO TRIBUNAL DA RELAÇÃO O PS e o PSD de Sa nta rém aplaudiram em comunicado a concretização, nas antigas instalações da Escola Prática de Cavalaria, da Fundação da Liberdade, de dois Tribunais de Competência Especial e do Futuro Tribunal da Relação de Santarém. O PS afirma que “cabe agora à Câmara Municipal de Santarém ser digna de tal honra, demonstrando competência na gestão de tão simbólico imóvel”.

PSD FELICITA CÂMARA E... CRITICA PS A Comissão Política do PSD de Santarém felicita o “presidente da Câmara Municipal de Santarém e todos o que assertivamente contribuíram para a criação da Fundação da Liberdade na antiga EPC”. O PSD regista “com agrado a mudança de posição do PS de Santarém sobre a Fundação da Liberdade, relembrando que no anterior mandato os seus vereadores no Executivo Municipal votaram contra esta proposta, e só a muito custo, e esmagada pelas evidências, a sua bancada da Assembleia Municipal se decidiu por uma sofrível abstenção”. “A instalação dos três novos tribunais em Santarém na antiga EPC, também é de primordial importância para o Concelho, e está para além do que era possível imaginar por muitos”, refere o PSD, considerando que “é mais uma prova de que com o PSD e o Dr. Moita Flores, há uma nova maneira de fazer política em Santarém (...) e já não se verificam o imobilismo e passividade que fizeram com que Santarém outrora perdesse para Leiria o Tribunal Administrativo e Fiscal”.

A José Sócrates foi calorosamente recebido em Santarém, e garantiu apoio à Fundação da Liberdade.

Sócrates anuncia novos tribunais em Santarém Justiça ∑ Decisão do Governo anunciada no 25 de Abril em Santarém A cerimónia de lançamento da Fundação da Liberdade ficou marcada pelo anúncio da criação do Tribunal da Relação de Santarém, e dois tribunais nacionais especializados nas áreas da propriedade industrial e da concorrência, regulação e supervisão. Já em relação ao futuro Tribunal da Relação de Santarém, José Sócrates disse que o decreto será aprovado muito em breve. “Agora esse decreto pode ser aprovado, depois de obtida a concordância com todas as instâncias da justiça. Sediando aqui dois tribunais nacionais e um da Relação, estamos a dar a Santarém a possibilidade de ter aqui aquilo que é um dos esteios do Estado de Direito, que a liberdade conquistou a 25 de Abril de 1974”, afir-

mou o primeiro-ministro. Na cerimónia, além de Sócrates e de Moita Flores, estiveram presentes na sessão de lançamento da Fundação da Liberdade militares que integraram a coluna de Salgueiro Maia que cercou o quartel do Carmo em Lisboa, pondo fim ao regime do Estado Novo, assim como muitas figuras políticas.

Nas primeiras filas sentaram-se os ministros da Justiça, Alberto Martins, da Administração Interna, Rui Pereira, o secretário geral do PSD, Miguel Relvas, os secretários de Estado Idália Moniz, Conde Rodrigues, José Magalhães e João Correia, a governadora civil de Santarém, Sónia Sanfona, e os ex-ministros Mário

Fundação da Liberdade vai ter parque temático

∑ O presidente Francisco Moita Flores disse a O Ribatejo que a Fundação da Liberdade vai ter um parque temático que ocuprá uma área de 2 hectares na antiga Escola Prática de Cavalaria. A Fundação incluirá ainda centros de estudos dedicados ao 25 de Abril e o Museu Salgueiro Maia, entre outras valências.

Lino e Augusto Mateus. A antiga deputada e vereadora da CDU Luísa Mesquita foi a escolhida pelo presidente Moita Flores para fazer a palestra de abertura na apresentação da Fundação da Liberdade. Porém, Moita Flores disse ao nosso jornal que Luísa Mesquita não é presidente nem tem qualquer cargo na Fundação da Liberdade. “Escolhemo-la por ser uma intelectual, uma figura da nossa cultura”, justificou o presidente Moita Flores. Em relação à nova Fundação da Liberdade, o primeiro ministro assegurou ao presidente da Câmara que “o Governo estará ao seu lado para enfrentar os desafios” que se colocarem ao funcionamento da nova entidade. “Faremos tudo o que pudermos e estaremos ao seu lado”, declarou Sócrates.

O secretário de Estado da Justiça João Correia disse a O Ribatejo que “gostaria de ter os três novos tribunais a funcionarem na antiga Escola Prática de Cavalaria já no próximo ano”. O secretário de Estado sublinha que “depois de aprovados os diplomas pelo Governo, há ainda um conjunto de passos legislativos que ainda é preciso dar, antes de dar início às obras de adaptação e remodelação das antigas instalações da Escola Prática de cavalaria para instalação dos novos Tribunais da Relação de Santarém, Tribunal de Propriedade Intelectual e Industrial e Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão”. Segundo João Correia, entre os passos que vão ser dados nos próximos meses destaca-se os pareceres dos conselhos superiores da Magistratura, do Ministério Público, dos Tribunais, da Ordem dos Advogados, dos Sindicados e Associações Sindicais, e uma série de instituições que serão consultadas. Em Santarém, José Sócrates afirmou que os dois novos tribunais especializados “são absolutamente fundamentais para a actividade económica, tendo em vista tornar a justiça mais rápida, mais célere e mais eficaz”. Em Santarém, a dedcisão do Governo foi recebida com satisfação pelos advogados e pela Delegação da Ordem dos Advogados. (ver página 3).


8 SANTARÉM

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

ASSOCIAÇÃO DE JOVENS ORGANIZA CONVÍVIO EM S. DOMINGOS Muita música, um g r a nde c hu r r a s c o , insufláveis para crianças, demonstração de capoeira de Angola, pinturas e graffitis são algumas das actividades do convívio popular que a Associação de Jovens de São Domingos (AJSD) vai realizar no dia 1 de Maio, a partir das 14 horas, na Praceta Amarela. De manhã, terá também lugar um jogo de futebol entre jovens residentes em São Domingos e jovens da Ribeira de Santarém, às 10 horas, no campo da Ribeira de Santarém. A organização está a cargo da AJSD e conta com o apoio do projecto “Sorrir à Vida Reduzir”, da Associação para o Desenvolvimento Social e Comunitário de Santarém.

ILDA FIGUEIREDO NA ESCOLA MEM RAMIRES

ALUNOS DO 1º CICLO COMEMORAM O DIA MUNDIAL DO LIVRO

A A Gala nasceu da iniciativa de três alunos, mas depressa conquistou o apoio da comunidade escolar.

Gala solidária da Escola Sá da Bandeira foi um sucesso Solidariedade ∑ A iniciativa permitiu recolher fundos para a missão da AMI no Haiti A Gala de Solidariedade “Juntos pelo Haiti” foi um sucesso. O espectáculo teve lugar no dia 20, no Teatro de Sá da Bandeira. A gala de solidariedade a favor das vítimas do Haiti esgotou a capacidade do teatro e ficou na memória das cerca de 200 pessoas que estiveram presentes. O evento contou com a colaboração e apoio da comunidade escolar da Escola Secundária de Sá

A eurodeputada Ilda Figueiredo esteve presente na Escola Básica 2,3 de Mem Ramires,no dia 26, para participar numa conferência. Ilda Figueiredo abordou o tema europeu para o ano de 2010, “Combate à Pobreza e à Exclusão Social”. A Eurodeputada realizou a sua apresentação, destinada aos alunos pertencentes ao Clube Europeu, no auditório da escola. Esta iniciativa realizou-se no âmbito do Clube Europeu dandose, deste modo, sequência ao encontro do ano anterior, em que a figura convidada foi o eurodeputado Miguel Portas.

da Bandeira, da AMI, Câmara Municipal de Santarém, Teatro Sá da Bandeira, Conservatório de Música de Santarém, grupo de ballet, grupo de teatro, crianças do ATL da Santa Casa Misericórdia, alunos da UTIS (Universidade da Terceira Idade de Santarém), entre outros. A gala nasceu por iniciativa de três alunas do 10º H da Escola Secundária de Sá da Bandeira (Ana

Machado, Michelle Tomás e Raquel Rodrigues), no âmbito de um trabalho de Filosofia sobre os Direitos Humanos e a Globalização, com o propósito de angariar fundos de ajuda humanitária para o Haiti. O espectáculo realizou uma receita de 982,75 euros que foi entregue à representante da AMI, Ilda Costa, que elogiou o gesto nobre e solidá-

rio das jovens e de todos os que colaboraram na concretização do espectáculo. A AMI - Assistência Médica Internacional é uma organização humanitária inovadora em Portugal, que se dedica a intervir rapidamente em situações de crise e emergência em todo o mundo, prestando assistência médica às vítimas de guerras e catástrofes.

Alunos de Alcanede na final nacional das Olimpíadas do Ambiente Dois alunos do 9º ano da Escola EB 2, 3 de Alcanede venceram a fase distrital das XV Olimpíadas do Ambiente, e vão estar nos Açores a disputar a fase nacional da prova. Os alunos João Vieira do 9º B e Pedro Lourenço do 9º A venceram a fase regional desde Concurso e vão representar, em conjunto com um aluno de Coruche, o distrito de Santarém na fase

nacional das XV Olimpíadas do Ambiente - Categoria Júnior -, “uma competição com provas bastante exigentes e que demonstra aquilo de que os nossos alunos são capazes quando põem “mãos à obra”. Estes alunos ultrapassaram as fases anteriores do concurso, salientando-se que fizeram parte dos duzentos melhores participantes a nível nacional. Estas Olimpíadas,

organizadas pela Universidade Católica, a Quercus e o Zoomarine, com o Alto Patrocínio do Presidente da República, visam desenvolver os valores da Cidadania e do respeito pelo Ambiente. Este ano, os “Objectivos de Desenvolvimento do Milénio” são o tema central, focando as ameaças globais, conservação da natureza, estilos de vida, políti-

ca ambiental, poluição, realidade nacional e recursos naturais. A Escola de Alcanede participa nesta competição há já vários anos, estando a coordenação das actividades a cargo da professora Cristina Canelas. “Os resultados obtidos enchem o Agrupamento de orgulho e vêm reafirmar a qualidade do ensino ministrado na Escola”, refere a presidente da Escola.

Um grupo de alunos da Escola Básica dos Combatentes comemorou o Dia Mundial do Livro, com “Uma Noite na Biblioteca”. A iniciativa, que decorreu entre as 21 horas do dia 23 de Abril e as 9 horas e 30 minutos do dia 24, teve como cenário a magia da biblioteca e a companhia dos amigos livros, repletos de aventuras, sentimentos e mensagens. Entre jogos de descoberta de livros, audição de histórias, jogos de descoberta de pistas, realização de painéis, marcadores de livros, duendes e fadinhas, houve também momento para um chocolate quentinho a acompanhar os bolinhos confeccionados pelos meninos do Jardim-de-Infância do mesmo estabelecimento. Já cansados, os alunos adormeceram embalados com uma história de encantar. No dia seguinte de manhã, de olhos bem abertos, o “Bom Dia à Biblioteca” foi dado com mais uma história. Esta viagem pelo universo dos livros e das palavras, entre sonhos fantásticos e coloridos, foi proporcionada pelas professoras Margarida Bento, Sandra Rodrigues e Risoleta Montez, assim como pela técnica operacional Ana Veiga. Para nos sentirmos mais seguros, contámos com a vigilância atenta da PSP. À despedida, cada aluno recebeu uma rosa vermelha em troca do livro que cada um deles tinha oferecido à biblioteca, honrando uma velha tradição catalã, segundo a qual, no dia 23 de Abril, Dia de S. Jorge, os cavaleiros oferecem uma rosa vermelha às suas damas e recebem em troca um livro. Assim, recordou-se a razão da decisão da Unesco em escolher esta data para se comemorar o Dia Mundial do Livro.


SANTARÉM 9

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Habitações sociais na Casa da Portagem

MARCHA DA ESPERANÇA NA PONTE D. LUÍS “O Projecto Continuar a Viver”, inserido no Serviço de Ginecologia do Hospital de Santarém, promove no dia 15 de Maio, pelas 10 horas, uma Marcha sobre a ponte D Luís. A marcha terá inicio no tabuleiro da ponte e terminará na localidade da Tapada. A iniciativa surge na continuidade das acções realizadas no sentido de alertar para o diagnóstico precoce do cancro da mama, para promover estilos de vida saudável e proporcionar o convívio entre todas as mulheres e familiares. A organização pretende comemorar a vida, homenagear as mulheres que venceram esta doença e as que estão em luta. N o f i n a l , h a ve r á um autocarro cedido pela Câmara Municipal de Santarém para a deslocação até à Barragem de Alpiarça, onde decorrerá um piquenique.

SALVE O SEU CORAÇÃO SENSIBILIZA SENIORES EM SANTARÉM A Universidade da Terceira Idade de Santarém promove uma sessão de esclarecimento sobre as arritmias cardíacas, integrada na campanha Salve o Seu Coração, no próximo dia 3 de Maio, pelas 16 horas, na Casa de Portugal e de Camões, em Santarém. A iniciativa, gratuita, destina-se a todos os alunos da Universidade e a todas as pessoas que queiram participar. A sessão terá como orador o Dr. Vítor Martins, cardiologista no Hospital de Santarém, e tem por objectivo alertar os portugueses para os perigos da morte súbita e da sua ligação com as arritmias cardíacas, explicando os principais factores, sintomas e doenças associadas. As inscrições podem ser feitas através do e-mail geral@mortesubita.com.

A Margarida Pinto Correia e os elementos da comissão executiva distrital

Distrito em apoio a Fernando Nobre Candidatura à Presidência da República ∑ I reunião distrital O I Encontro Distrital de apoio à candidatura de Fernando Nobre contou com a participação de 70 pessoas que assistiram às apresentações da Comissão Executiva Distrital e de Margarida Pinto Correia, coordenadora de Campanha e porta-voz da Comissão Executiva Nacional de apoio à candidatura de Fernando Nobre à Presidência da República, assim como ao testemunho dos apoiantes Nelson Carvalho, antigo presidente da Câmara de Abrantes, e de Margarida Ribeiro de Almeida, conhecida médica escalabitana. Francisco Mendes, que presidiu à mesa deste encontro, apresentou a Comissão Executiva Distrital, e sublinhou a importância da campanha de recolha de assinaturas, angariação de voluntários e a constituição de estruturas Concelhias. Impossibilitada de participar na reunião por estar de serviço no Hospital de Santarém, a médica Margarida Ribeiro de Almeida

enviou uma mensagem a todos os participantes do encontro, dando testemunho do seu apoio. Nelson Carvalho, antigo presidente da Câmara de Abrantes, apresentou as razões por que acredita que este é o homem certo para o momento que o país e a sociedade portuguesa atravessam. “Passamos o tempo a atribuir as culpas do que está mal aos outros, ao Estado, mas nós temos responsabilidades, temos de nos deixar de conversas de chacha e mudar o que está mal, seguindo o exemplo inspirador de Fernando

Nobre”, declarou Margarida Pinto Correia, sublinhando que a candidatura de Fernando Nobre não é contra os partidos. A reunião foi muito participada, com dezenas de intervenções dos presentes que deram conta das razões por que apoiam esta candidatura e que têm em comum a matriz humanitária da vida de Fernando Nobre. Da Comissão Executiva Distrital intervieram José Arruda, João Lérias e João Bianchi Villar, e Diogo Gaivoto, responsável pela coordenação da juventude.

Fernando Nobre visita Santarém na Feira da Agricultura

∑ A comissão executiva distrital da candidatura de Fernando Nobre já tem assegurada a visita Fernando Nobre ao Distrito de Santarém, no dia 5 de Junho, por altura da inauguração da Feira Nacional de Agricultura. Tudo sobre a candidatura no distrito em www. fernandonobre-santarem.org.

Quase seis anos após o início das obras e depoois de inúmeras vicissitudes, os cinco fogos de habitação social na Casa da Portagem foram entregues a outras tantas famílias carenciadas no Dia da Liberdade. Francisco Moita Flores, presidente da Câmara Municipal de Santarém, Nuno Vasconcelos, presidente do Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana, e Fernando Mendonça Rodrigues, presidente da Junta de Freguesia de Santa Iria da Ribeira de Santarém entregaram, no passado domingo, as chaves de cinco fogos de habitação social situados no primeiro andar da Casa da Portagem,

na Ribeira de Santarém. A Casa da Portagem engloba também, no résdo-chão, a sede do Rancho Folclórico da Ribeira de Santarém, onde este tem instalado um espaço museológico com diversos materiais como instrumentos de agricultura e pesca, e o Clube de Canoagem da Ribeira de Santarém. Durante a cerimónia de entrega das chaves, Francisco Moita Flores anunciou que a autarquia tinha chegado ao final do acordo com a REFER e que muito em breve as obras do desvio da linha férrea iriam começar e que “A Ribeira de Santarém, muito em breve, tem condições de renascer das cinzas”.


10 SANTARÉM

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Câmara de Santarém apoia empreendedorismo A Câmara de Santarém criou o programa “Via Expresso Jovem” com o objectivo de incentivar a criação ou expansão de microempresas em Santarém, por jovens empreendedores e, simultaneamente, fomentar o aumento da criação de postos de trabalho. O programa tem como destinatários os jovens dos 18 aos 35 anos que possuam ideias inovadoras de criação ou expansão de Microempresas, em qualquer sector de actividade. No caso de pessoas colectivas o(s) detentor(es) da maioria do capital têm que ser jovens entre os 18 e os 35 anos e a empresa tem que estar sediada no concelho de Santarém. Para aderir ao Via Expresso Jovem, os interessados devem preencher o formulário de apresentação que se encontra disponível no site o www. cm-santarem.pt e posteriormente no portal da juventude, ou solicitá-lo directamente ao Gabinete de Apoio ao Investidor e remetê-lo para o Gabinete

de Apoio ao Investidor, a funcionar na Praça do Município de Santarém. Os interessados podem marcar uma reunião para apresentação do seu projecto. Posteriormente procede-se à análise e selecção das ideias propostas e uma comissão de análise efectuará a hierarquização das ideias propostas tendo em conta critérios de selecção como o grau de inovação e criatividade do projecto; viabilidade do projecto; números de postos de trabalho a criar; o projecto apresentar soluções sustentáveis nos domínios do ambiente, como energia, água, resíduos, construção sustentável entre outros”. A comissão de análise apresentará por escrito a sua decisão. As candidaturas usufruem dos seguintes benefícios: Redução até 50% nas taxas de licenciamento; Prioridade no encaminhamento do processo; Encaminhamento para sistemas de incentivos; e Apoio técnico personalizado.

NOVAS OPORTUNIDADES NA FREGUESIA DE PERNES A Junta de Freguesia de Pernes assinou, na terça-feira, um protocolo de colaboração com o Centro de Novas Oportunidades do ISLA Santarém. A presidente da Junta de Freguesia Salomé Vieira disse que o objectivo deste protocolo é a qualificação, a todos os níveis, da população da Freguesia. A cerimónia de assinatura realizouse na Sala das Sessões da Junta de Freguesia de Pernes.

A Edmundo Martinho concorda com mais fiscalização aos apoios sociais

“Cortar apoios não combate a crise” (Re) Ver a Pobreza ∑ Projecto com muita adesão no distrito O presidente do Instituto da Segurança Social (ISS) considera que o problema da crise económica e financeira “não se resolve” com cortes nos apoios sociais. Edmundo Martinho, que participou na apresentação do projecto “(Re)Ver a Pobreza” em Santarém, afirmou que “o combate à crise não pode comprometer o combate à pobreza e à exclusão social”. “Não é cortando nos apoios sociais que se combate a crise”, salientou ainda o presidente do ISS, em resposta a algumas críticas de responsáveis de IPSS da região e também do presidente da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), sobre o que consideram ser casos de “falsa pobreza”. Sousa Gomes, que também participou nesta sessão, chegou mesmo a catalogar vários tipos de pobres, apelando aos organismos públicos e à comunidade para “denunciar casos de “oportunismos” no recebimento de apoios sociais.

Para o presidente da Câmara de Almeirim, existem “os pobres estruturais”, aqueles que, segundo o autarca, sempre foram pobres e que vivem em condições disfuncionais na sociedade; “os novos pobres”, aqueles que estão em situações de desemprego e que foram afectados pela crise mais recente; e ainda os “falsos pobres”, que, para Sousa Gomes, são aqueles que não deveriam receber apoios por estarem a “falsear os sistema”. Edmundo Martinho afirmou que se devem combater os eventuais

abusos no recebimento dos apoios sociais mas salientou que, por exemplo no caso do Rendimento Social de Inserção, existe “muita fiscalização”. O presidente do IPS referiu ainda que o tempo médio de permanência neste sistema de apoios é de 22 meses. O presidente do ISS rejeita que os beneficiários do RSI tenham que prestar serviços à comunidade enquanto recebem esta prestação social, afirmando que as pessoas nesta situação “devem ser estimuladas a procurar trabalho para que “deixem de receber apoios públicos”.

Prémios para trabalhos sobre a pobreza

∑ Nesta sessão foram ainda entregues os prémios do concurso de desenhos, fotografias e textos, que está integrado no projecto “(Re)Ver a Pobreza”, uma iniciativa que, no distrito de Santarém, é coordenada pelo núcleo da Rede Europeia Anti-Pobreza (REAPN). Participaram neste concurso 75 trabalhos.

RECOLHA DE SANGUE EM S. VICENTE DO PAUL O Grupo de Dadores de Sangue de Pernes vai organizar mais uma recolha de sangue, no dia 2 de Maio, entre as 9 e as 13 horas, no Centro recreativo e Cultural de Sobral, na freguesia de S. Vicente do Paúl. O grupo tem já agendadas mais três recolhas de sangue, durante o mês de Maio, dia 8, no Centro de Ajuda Espiritual, na Rua Alexandre Herculano em Santarém; dia 15, no Teatro Club Ribeirense, na Ribeira de Santarém, e no dia 23, na Casa de Convívio de Vaqueiros,, que incluirá uma tipagem para possíveis dadores de medula óssea.

JURISTA DA DECO COM ATENDIMENTO GRATUITO O jurista da DECO vai ter atendimento aos consumidores do concelho de Santarém, nos próximos dias 10 e 24, nas instalações da antiga Escola Prática de Cavalaria, onde funciona actualmente o CIAC – Centro de Informação Autárquica ao Consumidor, entre as 10h00 e as 12h30. A marcação deve ser feita previamente, através dos números de telefone 243 304 408 CIAC. Este serviço é gratuito, ao abrigo do Protocolo Câmara/DECO.


12

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

região lezíria do tejo Festa solidária para menina com paralisia A família de Mariana Caria, a menina do Cartaxo que nasceu com paralisia cerebral, está a organizar um jantar de solidariedade para que a menor de dois anos e meio possa continuar os tratamentos em Cuba. Realiza-se no dia 8 de Maio, no C.C.R. de Vale da Pinta, às 20 horas, seguido de um espectáculo musical com Rodrigo Maurício e Andreia Sofia. Os bilhetes estão à venda no café do Açude, no Cartaxo, ou através do telefone 912 136 701. Recorde-se que Mariana Caria regressou com pro-

A Agricultores de Coruche exigem maior atenção das autoridades aos receptadores

Roubos de cobre provocam milhares em prejuízos Pivots de rega ∑ Assaltos têm sido diários, nas últimas semanas Vários agricultores de Coruche e dos concelhos limítrofes estão a sofrer prejuízos de milhares de euros com roubos de cobre em pivots de rega, que têm ocorrido diariamente nas últimas semanas. O número de crimes disparou de tal forma que os proprietários acreditam que se trata de “uma rede organizada que actua com total impunidade”, referiu ao nosso jornal Manuel Paim, responsável por uma sociedade agrícola que, só na semana passada, foi assaltada duas vezes. Com danos superiores a 15 mil euros, calcula. Isolados nos campos de cultivo, os cabos eléctricos com cobre dos pivots de rega e os postos de transformação (PT’s) são alvos fáceis dos amigos do alheio. E os prejuízos são mais avultados pela destruição da maquinaria agrícola do que no roubo em si. Hélio Cecílio expli-

ca que “a reparação de um pivot pode facilmente chegar aos 10 mil euros, mas o ladrão lucra apenas 100 ou 150 euros com a venda do cobre”. “Se a instalação de um PT não custa menos de 12.500 euros e quem o destrói ganha só 50, vale mais deixar-lhe lá um envelope com o dinheiro”, ironiza Manuel Paim. Muitos dos pivots assaltados estavam em propriedades fechadas, mas os ladrões rebentaram com os cadeados ou cortaram a rede da vedação.

Guarda direcciona acção para caçar receptadores

“O problema só se resolve quando se acabar com os receptadores do cobre”, afirma Susana Paisana. “Como não é possível vigiar uma área tão extensa, a GNR tem que actuar sobre quem ganha com o negócio”, defende a proprietária, lamentando que as autoridades revelem “tanta inércia”. Alguns proprietários já nem participaram as últimas ocorrências, considerando a apresentação de queixa “uma perda de tempo”.

Segundo Carlos Enphis, há já vários proprietários agrícolas em dificuldades financeiras. “Tornase difícil viver da agricultura, uma vez que trabalhamos com margens de lucro muito reduzidas e temos que suportar níveis de prejuízos muito elevados”, explica este agricultor, a braços com mais de 30 mil euros de danos, desde o início do ano. João Nuno Pepino

gressos assinaláveis do Centro Hospitalar de Recuperação Neurológica de Havana, no final de Março, depois de cerca de dois meses de tratamentos que deram resultados francamente animadores, sobretudo em relação à possibilidade da criança vir a andar. A menina tem que regressar a Cuba no espaço de seis meses para dar continuidade à terapia iniciada. Os donativos para apoiar a família podem ser feitos através da conta com o NIB 0036 0290 991000 2096 214, no Montepio.

Exercício evacuou 600 alunos Um cheiro intenso e não identificado detectado na cozinha da escola Fernando Casimiro Pereira da Silva, em Rio Maior, foi o ponto de partida para um exercício de evacuação realizado com sucesso no dia 21 de Abril. Após o alarme geral, os cerca de 600 alunos, professores e funcionários saíram rapidamente para o exterior da escola, enquanto os bombeiros e a protecção civil fizeram avançar os seus meios humanos e materiais, para testar a capacidade de resposta.

No final, o vice-presidente da Câmara, Carlos Frazão afirmou que “estes exercícios são fundamentais para criar um espírito de prevenção. “É importante praticá-los em todos os estabelecimentos de ensino”, frisou o vereador, satisfeito com o resultado da operação, que foi presenciada por Ricardo Rosário, coordenador da protecção civil, Avelino Fonseca, comandante dos bombeiros de Rio Maior, e piquetes da Lusitâniagás e da água e electricidade da autarquia.

Câmara discorda de fecho de escolas

joao.pepino@oribatejo.pt

∑ Fonte da GNR de Santarém disse ao nosso jornal que, ao contrário das queixas dos proprietários agrícolas, a guarda “está muito atenta” a este problema e a “direccionar a sua acção para a identificação dos receptadores”, uma vez que “os roubos de cobre são um problema nacional e a razia verifica-se por todo o país. Em Coruche, bem como nos concelhos vizinhos de Salvaterra de Magos e Benavente, “os crimes ocorrem num espaço tão extenso que é impossível de patrulhar”, explica a mesma fonte, que aconselha os agricultores a instalar alguns sistemas de alarme para protegerem os seus bens.

A Câmara de Rio Maior discorda do encerramento de mais duas escolas do 1º ciclo no concelho, em Arruda dos Pisões e Correias, previsto no plano da Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo (DRE-LVT) no ano lectivo de 2010/2011. “Estamos a trabalhar para requalificar o parque educativo das freguesias, através da revisão da carta educativa”, referiu a presidente da autarquia,

Isaura Morais, que vai propor à DRE-LVT que estes dois estabelecimentos de ensino se mantenham em funcionamento. Segundo a autarca, a decisão do Ministério “não se justifica enquanto não existir uma decisão sobre os novos centros escolares do concelho, para que não se tenham de deslocar no próximo ano lectivo as crianças para uma escola da qual serão novamente transferidas”.


CHAMUSCA | BENAVENTE | ALMEIRIM | RIO MAIOR | REGIÃO 13

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

CLUBE DE ALCOBERTAS ASSALTADO DUAS VEZES

MULTIBANCO ASSALTADO EM VALE DE CAVALOS A caixa multibanco de Vale de Cavalos, concelho da Chamusca, foi assaltada na madrugada de 24 de Abril. Os ladrões conseguiram entrar no edifício onde está localizada a caixa, junto à EN 118, e levaram dois cofres que continham uma quantia em dinheiro não divulgada. Os assaltantes seguiram depois para um terreno em frente à caixa multibanco, onde estava um carro para consumar a fuga.

LADRÕES ROUBAM ALFAIAS AGRÍCOLAS Uma charrua de 18 polegadas e uma grade de discos, avaliadas em cerca de 8 mil euros, foram roubadas do interior de um armazém no Cartaxo. Para cometer o assalto, os ladrões arrombaram o portão de entrada, desconhecendo-se ainda como transportaram as alfaias agrícolas. A PSP está a investigar o crime, que foi cometido por indivíduos ainda não identificados entre os dias 10 e 21 de Abril, data da queixa apresentada pelo proprietário.

A A directora da rede de bibliotecas escolares, Teresa Calçada, foi a convidada de honra

Centros escolares têm três novas bibliotecas Rio Maior ∑ Inaugurações assinalam dia mundial do livro O dia mundial do livro, 23 de Abril, foi assinalado no concelho de Rio Maior com a inauguração de três novas bibliotecas escolares nos centros escolares do município, o de Alcobertas e os números 1 e 2 de Rio Maior. “A aposta na leitura é imprescindível, nas diversas plataformas de aprendizagem que hoje temos

ao nosso dispor”, afirmou a Directora da Rede de Bibliotecas Escolares, Teresa Calçada, que presidiu às cerimónias. “É por isso essencial que as crianças contactem com essas realidades desde cedo e tenham todas as condições humanas e materiais para alcançar o futuro com segurança e sucesso”, continuou a responsável, que

traçou um cenário muito positivo para o futuro cultural do concelho, tendo em conta os recursos físicos e humanos de que dispõe. A presidente da autarquia, Isaura Morais, no seu discurso, afirmou que é muito importante apostar na capacidade das crianças. “Muitas vezes, é o primeiro passo para

a sensação de segurança com que as pessoas encaram o seu futuro, definem o seu rumo e se dedicam ao trabalho”. “É por isso que tenho muito orgulho nas bibliotecas que hoje se inauguram, porque significam uma aposta clara nas crianças e uma certeza de sucesso nas gerações vindouras do concelho”, salientou a autarca.

Vulcão da Islândia não prejudicou festival de folclore de Almeirim A presença de vários grupos estrangeiros na II edição do festival internacional de folclore do concelho de Almeirim, que decorreu entre 22 e 25 de Abril, chegou a ser ameaçadas pelas restrições no espaço aéreo europeu impostas pela nuvem islandesa, mas todos os agrupamentos chegaram a tempo de participar. Além de todos os ranchos folclóricos do concelho, marcaram presença representantes da Bulgária, Escócia, Lituânia, Polónia, Grécia, Turquia e Ucrânia, estes dois últimos confirmados já depois da

apresentação oficial do programa. Apesar da ausência na abertura, ucranianos e búlgaros chegaram ainda na quinta-feira, 22, ao passo que os gregos vieram na sexta-feira, ainda a tempo de participar na maioria das actividades do festival, que, mais uma vez, se saldou por um enorme sucesso. Além das duas grandes galas de abertura e encerramento, os grupos espalharam-se pelas quatro freguesias do concelho, onde todos os dias houve muita música, oficinas de dança e espectáculos. “Este festi-

Alberto Silva

No espaço de apenas uma semana, a sede do Alcobertas Futebol Clube, concelho de Rio Maior, foi assaltado duas vezes. O primeiro furto ocorreu a 16 de Abril, tendo os amigos do alheio levado apenas maços de tabaco. Os prejuízos foram bem maiores no segundo assalto, no dia 20, tendo sido furtados dois televisores de plasma, o moinho do café, grande parte do stock de bebidas brancas e destiladas e o tabaco que entretanto tinha sido reposto. Os assaltantes, que arrombaram uma janela lateral com gradeamento, levaram ainda do gabinete da direcção o livro de cheques do clube, que entretanto foi cancelado.

“CUIDA-TE” PASSA POR ESCOLA DE RIO MAIOR

val é uma marca da defesa da nossa cultura e do nosso folclore, que estava carente de um evento com esta dimensão e este significa-

do”, afirmou Ricardo Casebre, presidente do Rancho Folclórico de Benfica do Ribatejo, responsável pela organização do festival.

A unidade móvel do “Cuida-te”, um projecto de aconselhamento na área da nutrição, passou pela Escola Fernando Casimiro Pereira da Silva, em Rio Maior, na sexta-feira, 23 de Abril, onde uma equipa de técnicos especializados na área da saúde juvenil receberam e esclareceram dezenas de alunos. O “Cuida-te” é um programa do Instituto Português da Juventude e tem como principal objectivo a promoção de estilos de vida saudáveis junto de jovens em idade escolar. A Câmara de Rio Maior foi uma das que aderiu à iniciativa, que anda a percorrer escolas por todo o país em acções de esclarecimento e sensibilização.

SFUS MANTÉM PRESIDENTE José Rego vai continuar à frente dos corpos sociais da Sociedade Filarmónica União Samorense, de Samora Correia, depois de ter sido reeleito presidente da direcção no dia 21 de Abril. Francisco Cordeiro e Maria Amélia Santos são os vice-presidentes, ao passo que António Cardoso é o presidente da Mesa da Assembleia Geral, e José D’Avó o responsável do conselho fiscal. Para este novo mandato, a direcção, que mantém grande parte dos elementos, traçou como objectivos a reorganização dos serviços e das secções da colectividade, a revisão dos estatutos tendo em vista a sua adaptação às novas exigências legais, e uma aposta forte na formação na escola de música, banda filarmónica, folclore, danças e nas diversas modalidades desportivas. A SFUS, que é a colectividade mais antiga desta freguesia do concelho de Benavente, comemora 89 anos no dia 10 de Maio, tem cerca de 3 mil associados e movimenta mais de 500 pessoas nas suas actividades ligadas à arte, cultura, recreio e tempos livres.


14

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

região médio tejo santarém Mostra económica é novidade nas festas de Abrantes A realização de uma mostra de actividades económicas do concelho nas antigas instalações da rodoviária é a principal novidade das festas de Abrantes, de 10 a 14 de Junho. Em termos musicais, os Xutos & Pontapés são os cabeças de cartaz, e sobem ao palco na última noite, nos Mourões, a que se seguirá o encerramento com fogo-de-artifício. O Largo 1º de Maio acolhe a tradicional feira de artesanato, onde os artesãos da região vão ter a possibilidade de mostrar os seus trabalhos e ensinar a sua arte no “espaço oficina”. Neste largo será também montado o “palco jovem”, que dará lugar a bandas como os Hyubris, os Kwantta e Vintage, Linda Martini, Ashes e Noidz. A Praça Barão da Batalha vai contar este ano com o “palco cem sons”, dedicado a diferentes géneros musicais, ao passo que a Pra-

ça Raimundo Soares irá ser animada pelo “palco musicais do mundo”. No Largo João de Deus e no parque urbano de São Lourenço haverá o “espaço criança”, com várias actividades para os mais pequenos. O rio Tejo, mais uma vez, irá servir para o festival de canoagem, que terá início na estação de canoagem de Alvega e termina na estação do Rossio ao Sul do Tejo. O castelo de Abrantes vai acolher as cerimónias oficiais do dia da cidade, uma exposição intitulada “Antevisão II. Ser estar e parecer” e o lançamento da edição “fac símile” do foral de Abrantes de 1510. No Aquapolis norte, vão decorrer os torneios de rugby, voleibol e futebol de praia, a prova de natação “águas abertas”, existindo também um carrossel equestre à disposição dos visitantes.

Verdes questionam governo sobre futuro da EMEF O Partido Ecologista “Os Verdes” pediu esclarecimentos ao governo sobre a hipotética privatização da Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário (EMEF), cujas oficinas estão situadas no Entroncamento e que é responsável pela manutenção do material circulante da CP. O deputado José Luís Ferreira entregou um requerimento na Assembleia da República onde questiona o Ministério das Obras Públicas sobre que parte da empresa está prevista ser privatizada, quais os prazos previstas para a alienação parcial da participação do Estado, e quais as condições previstas para a sua concretização.

No documento, o eleito dos Verdes assinala que, segundo a legislação que regula o acesso da iniciativa económica privada a determinadas actividades económicas, os transportes ferroviários explorados em regime de serviço público são uma das áreas vedadas à iniciativa privada, salvo quando concessionadas. Este requerimento sobre o futuro da EMEF é um de quatro que José Luís Ferreira entregou no Parlamento sobre a alienação de participações do Estado prevista no Plano de Estabilidade e Crescimento (PEC), sendo os restantes acerca das concessões da CP, a privatização da CP Carga, e os CTT.

A RAL DE ABRANTES EM RECORDAÇÃO “A nten a L iv re 3 0 anos… As Memórias da Rádio” é o nome do novo programa da rádio abrantina em que vários convidados estarão em estúdio para viajar no tempo e recordar as aventuras da rádio, desde 1981 até aos dias de hoje. O programa de memórias começa a partir de 1 de Maio, e estará no ar todos os sábados, às 15 horas, com repetições ao domingo, às 20 horas. O primeiro convidado da emissão de arranque é José Bioucas, ex-presidente da Câmara Municipal de Abrantes.

JUIZ OUVE ESMERALDA EM AMBIENTE INFORMAL

A Ladrões irromperam pelo café “A Lareira”, à entrada de Minde

Ourives baleado e assaltado ao almoço Roubo ∑ Levaram mala com avultada quantia em dinheiro Um ourives de 73 anos foi baleado e assaltado no interior de um restaurante em Minde, concelho de Alcanena, na sextafeira, 23 de Abril. Emídio Preguiça estava tranquilamente a acabar de almoçar quando dois homens, de cara destapada, irromperam pelo estabelecimento e ameaçaram o proprietário e o ourives com armas de fogo. Um dos assaltantes disparou um tiro para o tecto, exigindo que Emídio Preguiça lhe entregasse a pasta que transportava. Perante a recusa do ourives, o indivíduo disparou à queima-roupa para a perna do ourives e arrancou-lhe a mala das mãos, dentro da qual estaria uma avultada quantia de dinheiro. Os dois homens puseram-se em fuga num

BMW com matrículas falsas parado à porta do restaurante, conduzido por um terceiro elemento. Emídio Preguiça foi transportado ao Hospital de Torres Novas, tendo seguido depois para a unidade de Abrantes, onde foi submetido a uma intervenção cirúrgica para remoção da bala, que ficou alojada na perna. A munição já está na posse da Polícia Judiciária (PJ) de Leiria, que está a investigar o caso. Segundo conseguimos apurar, os inspectores ainda procuraram o veículo utilizado na fuga numa pedreira desactivada a menos de um quilómetro do local do crime. Ao passar na estrada em direcção a Minde, um habitante estranhou ver um BMW a subir para a pedreira

e reparou que a rede de vedação tinha sido derrubada. Depois de saber o que tinha acontecido, o homem alertou as autoridades, que já chegaram tarde demais para encontrar o carro dentro da exploração abandonada. Oriundo da zona de Cantanhede, a vítima veio para Minde ainda solteiro, e toda a vida esteve ligado ao negócio do ouro. Foi proprietário de uma ourivesaria na vila que encerrou há cerca de quatro anos, e mudou-se entretanto para Santarém, onde reside e é dono de outras duas ourivesarias. No entanto, Emídio Preguiça mantém ainda uma casa em Minde, onde se desloca frequentemente com a esposa. João Nuno Pepino

A menor Esmeralda Porto foi ouvida pelo juiz titular do processo, Pedro Carrilho de Sousa, numa conversa informal que decorreu nas instalações do Tribunal de Torres Novas, na semana passada. A diligência estava inicialmente prevista para as instalações do Instituto de Reinserção Social de Tomar, mas o magistrado decidiu alterá-la no próprio dia para o palácio da justiça de Torres Novas, onde a menor chegou acompanhada pelo pai, Baltazar Nunes, que detém a custódia da menina, pela pedopsiquiatra Ana Vasconcelos e por Florbela Paulo, técnica do Instituto de Reinserção Social. Segundo o nosso jornal conseguiu apurar, a conversa durou cerca de uma hora, e decorreu no gabinete do juiz, onde esteve também presente a magistrada do Ministério Público, que pediu esta audição. Os advogados das partes optaram por não estar presentes, sendo que o teor do encontro com os juízes serlhes-á entretanto comunicado.


ROTA DAS FREGUESIAS 15

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

fazendas de almeirim

Textos e fotos: João Nuno Pepino

A freguesia está em obras Casa da cultura ∑ Projecto está concluído, segue-se lançamento do concurso público

A O novo centro escolar, orçado em cerca de 1,9 milhões de euros, estará em funcionamento no ano lectivo 2011 / 2012 O novo centro escolar, a igreja e casa mortuária de Marianos e a futura casa da cultura, cujo projecto foi apresentado esta semana pela Câmara de Almeirim, são “três obras de vulto” que prometem aumentar a qualidade de vida em Fazendas de Almeirim. Quem o diz é o presidente da Junta, Manuel Bastos Martins, dando conta da importância de cada uma para o desenvolvimento da freguesia pela qual é responsável. Depois de Jorge Lacão, actual ministro dos Assuntos Parlamentares e na altura secretário de Estado, ter lançado a primeira pedra em Setembro de 2009, o novo centro escolar já está em obras e, tal como estava previsto, vai entrar em funcionamento no ano lectivo 2011/2012. Orçado em cerca de 1,9 milhões de euros, com parte do investimento a ser financiado através do QREN, este equipamento vai ter 11 salas de aula para o 1º ciclo

e três salas para o ensino pré-primário, além de todas as valências e espaços polivalentes hoje obrigatórios num edifício escolar moderno, casos do refeitório, ginásio, espaços verdes e salas de apoio pedagógico. “É uma necessidade premente para acabarmos de vez com as aulas em contentores”, afirma Bastos Martins, explicando que esta situação ocorre actualmente na escola do 1º ciclo de São José e nos 4º

Espaço nobre para actividades culturais

anos da EB 2,3 das Fazendas, precisamente devido “ao excesso de lotação”. Quando estiver em funcionamento, o centro escolar vai acolher os alunos destes dois estabelecimentos, ficando os edifícios disponíveis para outras necessidades da freguesia. “Vamos requalificar as instalações, com toda a certeza, mas ainda não temos uma ideia concreta do que lá podemos fazer. Apesar de serem propriedade da autarquia, ficarão certamente à

disposição da freguesia”, explica o presidente. “A casa da cultura é uma obra para concluir este mandato”, afirma Manuel Bastos Martins, que nunca escondeu a ambição de a ver em funcionamento enquanto presidente da Junta de Freguesia. A concretização deste equipamento deu mais um passo em frente esta semana, com a apresentação do projecto final por parte da Câmara de Almeirim, que será responsável pela

∑ Segundo o projecto, a casa da cultura, junto à antiga sede da Associação Desportiva Fazendense, terá no résdo-chão um espaço polivalente com palco e anfiteatro para realização de espectáculos, com capacidade para 165 pessoas, preparado para a projecção de filmes, climatizado e com acessos para deficientes. No 1º andar, três das quatro salas vão acolher as sedes dos três ranchos folclóricos das Fazendas de Almeirim, o adulto, o infantil e a velha guarda. A restante ficará de reserva para a realização de reuniões ou recepções em eventos que se venham a realizar no local. No exterior do edifício, será construída uma ampla praça ajardinada e um parque infantil. “Será, sem dúvida o espaço nobre para toda a actividade cultural da vila”, resume Manuel Bastos Martins.

obra. “Penso que deverá estar para muito breve o lançamento do concurso público, a que se seguirá a adjudicação”, indica Manuel Bastos Martins, explicando que só depois do concurso se poderá ter a ideia concreta de quanto tempo demorará a construção. “Espero que esteja tudo pronto até final de 2011”, avança no entanto o autarca local, acrescentando que o investimento total deverá rondar os 1,2 milhões de euros, já com o equipamento. Quanto à obra a decorrer em Marianos, um dos três lugares que compõem a extensa freguesia de Fazendas, Manuel Martins adianta que a Junta está a tentar que a inauguração se realize já em Setembro. A construção da Igreja está a ser desenvolvida por uma comissão local ligada à paróquia, “muito activa e que tem funcionado na perfeição”, segundo o autarca, ao passo que a casa mortuária é da responsabilidade da Câmara de Almeirim.

HOMENAGEM AOS QUE TOMBARAM NA GUERRA COLONIAL No próximo dia 10 de Junho, dia de Portugal, a Junta das Fazendas de Almeirim vai promover uma homenagem aos quatro ex-combatentes nascidos na freguesia que morreram na guerra colonial em África. Depois de uma missa solene, que se realiza pelas 9h30, será feita uma romagem ao cemitério para o descerramento de uma lápide onde constam os nomes dos falecidos. “É uma homenagem que peca por tardia”, afirma Manuel Bastos Martins, adiantando que o órgão a que preside pretende também dar o seu nome a ruas e praças nas Fazendas. “Pessoalmente, lamento que tenhamos algumas ruas com nomes de marechais e não existam outras com os nomes de jovens que tombaram em combate”, acrescentou

PETANCA NO ANTIGO CAMPO DO SPORTING

A Manuel Bastos Martins

O antigo campo do Sporting vai ser requalificado de forma a receber vários campos de petanca, um desporto que conta com centenas de entusiastas na freguesia, e que assim evitam deslocar-se a Almeirim ou Alpiarça, para o poder praticar. Segundo Manuel Bastos Martins, a Junta planeia criar no local um espaço de lazer, com a colocação de árvores e mesas que permitam jogar cartas, dominó e passar algum tempo livre.


16 ROTA DAS FREGUESIAS | FAZENDAS DE ALMEIRIM FOMENTAR AMIZADES POR TODO O PAÍS Ao longo dos anos, os atletas da AAFA têm mostrado a camisola em provas por todo o país e também nas regiões autónomas, sobretudo nos Açores, onde floresceu uma amizade que merece ser contada. Nas primeiras vezes que se deslocaram a S. Mateus, na ilha do Pico, a comitiva das Fazendas de Almeirim levou algumas vides do Ribatejo para oferecer como presente, mas que acabaram enxertadas em terras açorianas. “Fomos nós que os ensinámos e ajudámos a fazer tudo”, recorda Manuel Pombas. Entretanto, com o passar dos anos, as videiras cresceram e começaram a dar uvas. Ora bem, hoje são os amigos insulares que fazem toda a vindima, engarrafam o néctar e mandam umas garrafas de vinho para o continente. Que é “de grande qualidade”, garante Manuel Pombas.

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Amigos do atletismo querem formar uma equipa de BTT Colectividade ∑ Fundada em Junho de 1997, mas ainda não tem sede A criação de uma equipa de BTT que represente condignamente a freguesia em passeios e provas oficiais é um projecto que a associação Atletismo dos Amigos Fazendas de Almeirim (AAFA) está a tentar pôr em marcha. “O BTT é um desporto que tem ganho muita popularidade, e é uma pena haver muitos praticantes das Fazendas que participam em provas a título individual quando o podiam fazer representando o clube a terra”, explicou ao nosso jornal Manuel Pombas, fundador e presidente do clube. Ainda sem sede própria, a AAFA foi fundada oficialmente em Junho de 1997, mas trouxe consigo um

historial ligado à prática do atletismo por parte de um grupo de amigos que começaram a correr juntos ainda nos escalões de formação de outros clubes, na década de 70. Manuel Pombas, por exemplo, começou no CADCA, passou pela AD Fazendense, UFC Almeirim, Sindicato SBSI / Totta, empresa “Rodrigues & Bento” e ainda correu individualmente, antes de decidir formar a AAFA. Hoje, volvidos cerca de 40 anos, parte dos amigos, já veteranos, continuam a reunir-se para participar em provas por todo o país, tendo já um assinalável lote de troféus, taças e medalhas para exibir. Desde a sua formação, o clube tem tentado agar-

A Manuel Pombas exibe com orgulho os troféus conquistados pela AAFA rar em jovens com o intuito de desenvolver a formação a nível local, mas a falta de um espaço próprio com condições para a prática das diversas disciplinas do atletismo (fundo,

meio-fundo, velocidade, salto, etc) tem dificultado bastante essa tarefa. “Nunca houve vontade de criar um clube de atletismo a sério na vila e têm-se perdido grandes talentos por cau-

sa disso”, afirma Manuel Pombas, explicando que os actuais atletas do clube “vão treinando como podem e onde podem, juntando-se e ajudando-se uns aos outros”.


„ HERDADE DOS GAGOS

„ CASA MORTUÁRIA E CAPELA DE MARIANOS

„ CENTRO ESCOLAR DE FAZENDAS DE ALMEIRIM

„ BARRAGEM DOS GAGOS

„ PROJECTO DO CENTRO CULTURAL DE FAZENDAS DE ALMEIRIM


18 ROTA DAS FREGUESIAS | FAZENDAS DE ALMEIRIM

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Viveiro de campeões O CAPR é hoje um dos melhores clubes de pesca a nível nacional e um verdadeiro viveiro de campeões, em que os títulos alcançados falam por si. Durante o jantar de aniversário, realizado há duas semanas em Almeirim, foram homenageados mais de 20 pescadores do clube pelos resultados desportivos alcançados

em 2009. A nível colectivo, em 2009, o CAPR ficou na 5ª posição do campeonato nacional, o escalão máximo por clubes, com a sua equipa constituída por Amílcar Ferreira, Paulo Silva, Ricardo Santos, Rui Rufino, José Evangelista, Manuel Aboim, Carlos Abreu, Filipe Patrício, Luís Duarte e António Figueiras.

A A gestão da albufeira dos Gagos permite avançar para a criação de uma escola de pesca

Clube de pesca recebe concessão da barragem A barragem dos Gagos foi concessionada por 10 anos ao Clube Amadores de Pesca do Ribatejo (CAPR). Segundo o despacho do secretário de Estado das Florestas, Rui Barreiro, publicado em Diário da República a 9 de Abril (curiosamente, dia em que o CAPR comemorou 45 anos de existência), é atribuído ao clube o exclusivo da pesca desportiva numa área aproximada de 5 hectares, na zona envolvente da albufeira. Esta decisão, pela qual a colectividade já aguardava

há cerca de quatro anos, “é mais um passo muito importante no sentido de criarmos a nossa escola de pesca”, afirma o presidente do CAPR, António Figueiras. A escola tem por “objectivo continuar o trabalho que encetámos há mais de 10 anos com alguns miúdos na altura, e que tem dado resultados bastante positivos, com vários campeões nacionais e mundiais”, explica o responsável. Recorde-se que, dos quatro elementos da selecção nacional de esperanças que no próximo

mês de Outubro vai disputar o campeonato do mundo em Itália, dois são das Fazendas de Almeirim: Filipe Patrício e Rui Rufino. O CAPR prepara-se agora para melhorar e requalificar todo o espaço natural que foi colocado sob a sua gestão, em colaboração com a Junta de Freguesia de Fazendas e Câmara de Almeirim. Melhorar os acessos à albufeira, situada em pela Herdade dos Gagos, criar mais pesqueiros para os praticantes desta modalidade e construir um parque de

merendas, com mesas, assadores e espaços ajardinados para passar os dias amenos do Verão, são algumas das ideias em discussão. Esta requalificação é fundamental para que a barragem dos Gagos possa, no futuro, receber concursos de pesca nacionais e provas regionais, outra das ambições do clube. Esta época, o CAPR é responsável pela organização de dois concursos nacionais, a 23 de Maio e 28 de Agosto, que serão realizados no rio Sorraia, em Coruche.


20

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

especial DIONÍSIO MENDES RECOMENDA UMA PEGA DE CARAS... NO PRATO

A As tasquinhas montadas na Praça de Touros de Coruche têm 1000 lugares sentados e oferecem variedade de pratos de toiro bravo.

Coruche aguarda 15 mil visitantes Gastronomia ∑ Sabores do Toiro Bravo, com tasquinhas e animação, entre os dias 7 e 9 de Maio O festival gastronómico Sabores do Toiro Bravo vai estar de regresso a Coruche, nos dias 7, 8 e 9 de Maio. Durante os dias do certame haverá fado, folclore e música popular a animar permanentemente as tasquinhas, e treinos de forcados na arena da praça de toiros. Há ainda passeios de charrete por Coruche. “Em equipa que ganha não se mexe, e neste caso dos Sabores do Toiro Bravo o modelo tem resultado muito bem, com provas dadas nas seis edições anteriores, quer no interesse e participação do público, quer dos participantes, por isso vamos manter a estrutura do certame”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Coruche, Dionísio Mendes. O autarca sublinha que os Sabores do Toiro Bravo é um certame inédito no país, com a especificidade de só se comer carne de toiro bravo nas tasquinhas”. De referir que as tasqui-

nhas instaladas à volta da Praça de Toiros têm capacidade para acolher mais de mil visitantes sentados em simultâneo. Os seis restaurantes presentes oferecem as mais diversas receitas com base na carne do toiro bravo (ver pormenores na reportagem das páginas 22 e 23). O presidente Dionísio Mendes afirma que o certame deverá manter o mesmo número de visitantes do ano passado, que ultra-

Hamburguer e piza de toiro bravo

passou os 15 mil visitantes. “Vai tudo depender muito mais do estado do tempo do que da crise, pelo que se o tempo convidar a sair de casa no fim de semana certame que vamos ter muita gente a visitarnos”, afirmou o autarca. Segundo Dionísio Mendes, “a maior parte das pessoas que nos visitam por ocasião dos Sabores do Toiro Bravo vêm dos concelhos vizinhos do Ribatejo e da região da grande Lisboa e do

Alentejo, embora também venham muitos visitantes do norte do país propositadamente para saborear esta carne de sabor especial e único”. De há uns anos a esta parte, os Sabores do Toiro Bravo começaram também a fazer parte do itinerário de alguns grupos de espanhóis. “Em Espanha, come-se habitualmente carne de toiro bravo, as praças de toiros têm talhos que vendem a carne depois das

∑ Os Sabores do Toiro Bravo contribuíram para a renovação da oferta dos restaurantes locais, com o aparecimento e ressurgimento de um conjunto de pratos à base da carne de toiro bravo. “Os Sabores são também um desafio aos restaurantes que se esmeram a procurar novas receitas e a apurar o receituário, pelo que o certame acaba por ser também um laboratório para novas experiências”, refere o presidente Dionísio Mendes. Entre inovações deste ano destaque para o aparecimento de hamburgueres e pizas à base de carne de toiro bravo. “Um estabelecimento de Coruche fez a proposta e nós achámos interessante ter uma oferta que certamente irá agradar aos gostos dos mais jovens, que são relutantes aos pratos tradicionais, e que têm assim a possibilidade de vir almoçar com os pais às tasquinhas dos Sabores”.

corridas, pelo que é uma carne muito apreciada e muitos espanhóis que se encontram no nosso país aproveitam para dar uma saltada até Coruche para apreciar a nossa carne brava”, disse o presidente da Câmara. Além dos atractivos gastronómicos, o certame oferece ainda um programa de animação que inclui espectáculos de música, com destaque para o fado, artesanato, demonstrações e treinos de forcados na Praça de Toiros, e ainda oferece a oportunidade das crianças e jovens experimentarem andar a cavalo, as escolas de equitação do concelho a oferecerem sessões de aprendizagem da equitação no espaço do certame. “Os picadeiros dos criadores de cavalos são uma vertente importante da oferta turística do concelho, e por isso o certame pode ser uma forma de promover essa vertente da oferta turística”, refere Dionísio Mendes.

O presidente da Câmara Municipal de Coruche Dionísio Mendes não se cansa de elogiar o sabor da carne de toiro bravo, “uma carne diferente da que estamos habituados, com um sabor e textura muito característicos, enfim, uma carne excelente”. Sublinha a variedade de pratos que os seis restaurantes oferecem durante o certame. “Temos desde os grelhados e espetadas de carne de novilho e vitela bravas, à mão de vaca com grão, dobrada com feijão branco, rabo de boi, e outros pratos tradicionais, e depois há também uma série de novidades que nos surpreendem todos os anos graças à criatividade e inspiração dos cozinheiros, sendo que algumas dessas criações já se tornaram clássicos como o afamado bife à Vítor Mendes, e depois vale a pena provar também a doçaria”, refere Dionísio Mendes. Em Coruche, o festival Sabores do Toiro Bravo permitiu aos talhos revitalizarem o negócio da carne de toiro bravo e actualmente já é possível aos restaurantes e particulares comprarem carne todos os dias, embora haja mais oferta nos meses da Primavera e Verão. Como efeitos já visíveis da realização dos Sabores do Toiro Bravo, o presidente da Câmara de Coruche refere que na sequência deste certame, foi criada a Confraria Gastronómica do Toiro Bravo, que vai realizar o seu capítulo, isto é, a sua assembleia geral, no decorrer do certame.


SABORES DO TOIRO BRAVO - CORUCHE | ESPECIAL 21

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Açude insuflável custa 2,2 milhões Requalificação urbana ∑ Câmara de Coruche está a realizar grandes investimentos na vila A Câmara Municipal de Coruche tem em curso grandes investimentos na requalificação urbana da vila, destacando-se a construção de um açude insuflável que fará do rio Sorraia a melhor pista de pesca desportiva da Europa. A Câmara Municipal inaugurou, no dia 25 de Abril, as obras de requalificação urbana da entrada nascente da vila. Um investimento de 430 mil euros que permitiu valorizar o espaço urbano nesta zona. A obra foi executada pela empresa Miraterra, do empresário de Santarém Joaquim Louro. A obra junta-se a um conjunto de trabalhos em curso que estão a mudar a face da vila de Coruche. Ali ao lado, a nova central de camionagem está em fase

A O presidente Dionísio Mendes sublinha a aposta na melhoria da qualidade do urbanismo na vila. de conclusão. As obras da entrada norte da vila, em Santo Antonino, deverão estar concluídas dentro de dias. A Câmara de Coruche

adjudicou à empresa SETH a obra do açude insuflável no rio Sorraia, pelo valor de 2,2 milhões de euros. Os trabalhos deverão iniciar-se já em Maio e têm

Freguesia de Erra já tem ETAR

A empresa Águas do Ribatejo inaugurou, no dia 25 de Abril, a nova Etar – estação de tratamento de águas residuais da freguesia de Erra. A obra custou cerca de 133 mil euros. O presidente da Junta da Erra, Mário Ribeiro, sublinhou a grande importância desta obra que permitirá resolver os problemas ambientais até agora registados devido à falta de tra-

tamento de esgotos dos 1130 habitantes da vila. A inauguração contou com as presenças do director geral da Águas do Ribatejo, Moura de Campos, do presidente da Câmara de Coruche, Dionísio Mendes, além de muitos autarcas do concelho e moradores da freguesia. Moura de Campos sublinhou que a empresa Águas do Ribatejo tem em curso investimentos de 80

milhões de euros nos seis municípios que integram esta empresa intermunicipal. O presidente Dionísio Mendes sublinhou que esta é a primeira de uma série de Etar’s em construção em todas as sedes de freguesia do conceelho, que representam um investimento de 10,5 milhões de euros que só foi possível com a empresa Águas do Ribatejo e o financiamento comunitário.

um prazo de conclusão de um ano. A obra incluirá a construção de uma ponte pedonal e uma escada de peixes. O açude permitirá criar um plano de água

com 3 quilómetros de extensão e 80 metros de largura, possibilitando a prática de desportos náuticos e melhor pista de pesca desportiva da Europa.

CÂMARA CRITICA MINISTÉRIO DA SAÚDE PELO ATRASO NA URGÊNCIA BÁSICA As obras do novo Serviço de Urgência Básica de Cocuehe estão concluída desde finais do ano passado, sem que o Ministério da Saúde tenha ainda resolvido os problemas que impedem o início do seu funcionamento. O presidente da Câmara Municipal de Coruche Dionísio Mendes critica o Ministério da Saúde. “Não entendemos como é que o Ministério da Saúde investiu na realização das obras de remodelação e ampliação do centro de saúde e entretanto não tenha ainda disponibilizado os profissionais de saúde necessários à abertura deste serviço de urgência que tanta falta faz nesta região, devido à distância que está de Santarém”, critica Dionísio Mendes.


22 ESPECIAL | CORUCHE - SABORES DO TOIRO BRAVO

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Restaurante e pratos

A Tasca ∑ Vitelinha Brava com Cogumelos e Puré

de Batata, - Mão de Vitela Brava com Grão, Dobrada com Feijão Branco, Vitelinha Brava Estufada com Repolho Lombardo, Grelhada Mista de Touro Bravo no Carvão, Bife de Touro Bravo no Carvão, Costeleta de Touro Bravo no Carvão e ainda o prato Cernelha.

A O espaço da Praça de Toiros em Coruche vai acolher cinco restaurantes e uma colectividade do concelho

Restaurantes satisfeitos com iniciativa Animação ∑ Responsáveis dos restaurantes pedem mais animação para visitantes Numa ronda pelos restaurantes que vão estar presentes na iniciativa “Sabores do Toiro Bravo” a opinião geral sobre o evento é muito positiva. Segundo os responsáveis dos restaurantes este evento promove o concelho, promove a gastronomia local e ajuda a “compor” o negócio em tempos de crise. Na maioria dos casos, os empresários elogiam a organização do espaço mas queixam-se um pouco da falta de animação que entretenha os visitantes depois do jantar. “O certame tem tido altos e baixos. Em 2009, foi um mau ano e ainda não

sei o que esperar deste ano”, refere António Mendes, do restaurantes “Sabores de Coruche”. A mesma avaliação faz Joaquim Manuel, do restaurante “Jakim Girassol”, para quem a edição de 2009 foi uma das piores de sempre. Ainda assim, Carlos Peseiro, do restaurante “O Farnel”, refere que, à conta da promoção da carne brava, o seu espaço tem recebido alguns visitantes noutras alturas do ano, que vêm em busca destes pratos que, neste caso, podem aqui ser provados ao longo de todo ano. “Este evento é um incentivo, um apelo à inovação e

Sabores de Coruche ∑ Canja de toiro bravo, cachaço de toiro com grão e hortelã, Aba de vaca estufada com lombardo, Espetadas de bezerra brava no tacho, Febras de toiro bravo grelhadas com alecrim, Alcatra brava grelhada.

à criatividade dos restaurantes da terra. Apesar dos altos e baixos, que são factores externos ao evento e à organização, penso que é uma iniciativa a continuar”, refere ainda António Mendes, do “Sabores de Coruche”. A maior parte dos restaurantes mantém portas abertas durante a iniciativa e, a presença na zona das tasquinhas, é um esforço adicional, tanto na área da logística como dos recursos humanos. Um dos restaurantes que estará fechado é o “Jakim Girassol” cujo espaço está em remodelação e reabre dia 11 de Maio com nova

apresentação. Outra das novidades deste ano é a presença do Rancho Regional do Sorraia, que vai estar a gerir o espaço de uma tasquinha e que, segundo o vice-presidente, António Brasileiro, vai aproveitar para aqui recolher fundos para uma ida à Polónia em Setembro. O dirigente do rancho e a esposa estão ligados à restauração e encaram esta presença no certame como um desafio que, para além do objectivo financeiro, servirá também para promover o trabalho do grupo e para divulgar as artes e saberes de Coruche.

Choupo ∑ Cachola, Dobrada, Língua pingada, Mão de Toiro com Grão, Farpas, Miminhos de Toiro, Capote no forno, Enrolados do Montado, Costoletas grelhadas na brasa, Sericaia.

O Farnel ∑ Favada com nacos de novilho na bra-

sa, Novilho bravo assado no forno, Bravimar (uma conjugação de carne brava com camarão e cherne), Grelhada mista de novilha brava com várias peças de carne, Grelhada de novilho na telha, Espetada de novilho em pau de loureiro, Costoleta de novilha na brasa, Bife à Vítor Mendes, Rolo de vitela recheado com espargos e toucinho alto, Bitoque de novilha brava com mostarda.

Rancho Regional do Sorraia ∑ Sopa de rabo

de boi, Espenica, Dobrada com feijão branco, Mão de vaca com grão, Rancho (grão com massa e carne de boi), Vaca estufada com castanhas e couve de bruxelas, Aba de vaca com lombardo, Bife da vazia grelhado com migas do Sorraia, Lombo de vaca grelhado com migas do Sorraia, Arroz doce, Pêras Bêbadas..

Jakim Girassol ∑ Espetadas de toiro bravo, Espetadas de vitela brava, Dobrada com Feijão Branco, Língua estufada, Mão de Vaca com grão, Rabo de boi estufado, Vitela com Amêijoas e Lombardo estufado, Entrecosto de Vitela, Fígado de Azeite e Vinagre, Osso Buco estufado com feijão verde.


SABORES DO TOIRO BRAVO - CORUCHE | ESPECIAL 23

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Os segredos de uma boa carne

A Carlos Peseiro, responsável do restaurante O Farnel que vai estar nos Sabores do Toiro Bravo

Restaurante “O Farnel” promete novos pratos Inovação∑ Um dos mais conhecidos restaurantes do concelho traz novos sabores Restaurante de referência no concelho de Coruche e na região, O Farnel é um dos espaços fundadores da iniciativa “Sabores do Toiro Bravo”. Este ano, à semelhança do que tem acontecido noutros anos, está a preparar novos pratos para servir durante o certame. Um deles é o rolo de vitela recheado com espargos e toucinho alto, uma iguaria nova que vai rivalizar com outra novidade, o bitoque de novilha brava com mostarda. Além destes dois pratos fortes, o restaurante vai apostar na chamada “fast food” com hambúrgueres feitos com carne brava, moldados em forma de

cabeça de toiro, o símbolo do evento. Com a iniciativa “Sabores do Toiro Bravo”, o restaurante O Farnel passou também a ter pratos de carne brava servidos todos os dias e a fazerem parte integrante dos menus. Aqui pode encontrar frequentemente pratos de carne brava, a maioria fruto da criatividade das cozinheiras da casa. Nas tasquinhas, o restaurante vai ter ainda uma panóplia de pratos: a famosa Favada com nacos de novilho na brasa, Novilho bravo assado no forno, Bravimar (uma conjugação de carne brava com camarão e cherne), Grelhada mista

de novilha brava com várias peças de carne (vazia, lombo, alcatra e pujadouro), Grelhada de novilho na telha, Espetada de novilho em pau de loureiro e Costoleta de novilha na brasa. Na área dos doces, uma recomendação especial para um doce da casa originalmente “Passe de Peito”, feito com pudim, ovos, amêndoas e caramelo. A não perder também o doce de massa folhada com ovos moles, polvilhado com açúcar em pó. Para Carlos Peseiro, este evento de gastronomia em Coruche permite aos restaurantes terem alguma facturação extra e promover-se junto dos vi-

sitantes. “A logística nem sempre é fácil porque temos que instalar todos os equipamentos na praça e porque mantemos o restaurante aberto durante os dias das tasquinhas. Mas vale a pena porque ajuda a promover a nossa gastronomia”, refere Carlos Peseiro. Fundado há cerca de 38 anos, o restaurante O Farnel está hoje também presente no Freeport em Alcochete e no Fórum Montijo. Dois espaços que projectam a gastronomia ribatejana em superfícies de grande afluência de público e onde, segundo Carlos Peseiro, os sabores de Coruche têm sido muito apreciados.

O gerente Carlos Peseiro considera que este ano o negócio não deverá ser muito melhor do que foi no ano passado, um dos piores desde o início do certame, mas está confiante que a diversidade de pratos que tem disponíveis possa ajudar a atrair mais visitantes. O segredo do sucesso estará também na qualidade dos pratos, refere Carlos Peseiro, para quem o mais importante é conseguir uma carne de qualidade. E um dos truques para

conseguir uma boa carne é dar ração às reses nos últimos meses de criação, antes de serem abatidas. Outro dos truques é abater os animais alguns dias antes de serem confeccionados, de forma a dar-lhes mais maturação no frio. “Outro dos truques usados na confecção da carne brava, sobretudo quando é grelhada na brasa, é colocar-lhe um pouco mais de sal do que é habitual, porque este tipo de carne é adocicada”, refere Carlos Peseiro.


24 ESPECIAL | CORUCHE E - SABORES DO TOIRO BRAVO

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Coruche Inspira lança Portal do Turismo Pedro Orvalho, adjunto do presidente dente da Câmara Municipal de Coruche, director do Departamento de Imprensa rensa e coordenador do projecto Coruche Inspira, dá-nos conta em entrevista sta do ponto da situação em que se encontra este programa que vai avançar ar com um novo portal de divulgação turística do concelho na internet. O que é e quais os objectivos do programa Coruche Inspira?

O Coruche Inspira entrou este ano numa nova etapa, é a fase 2 deste programa que foi lançado o ano passado. O ano passado decidimos juntar os nossos eventos mais emblemáticos e publicitá-los sob a égide do Coruche Inspira, rentabilizando o investimento na comunicação e tentado aproveitar ao máximo as sinergias geradas pelas diferentes iniciativas apresentadas, que iam da Feira Internacional de Cortiça às Jornadas de Gastronomia, passando pelas Festas de Nossa Senhora do Castelo. Penso que conseguimos atingir os nossos principais objectivos que eram: trazer mais visitantes a Coruche e aumentar a mediatização dos eventos. Este ano avançámos com a fase 2 do Coruche Inspira, chamámos para parceiros da Câmara Municipal todos os agentes locais ligados ao turismo, em conjunto identificámos os nossos principais argumentos para tornarmos Coruche um destino turístico ainda mais atractivo e avançámos ainda com a criação do portal de turismo na Internet www.corucheinspiraturismo. pt. Estamos confiantes que este portal vai ser um sucesso, a imagem é muito atractiva e a informação sobre as ofertas turísticas do concelho está lá toda; como chegar, onde dormir, onde comer, o que fazer, a agenda de eventos, etc. Estamos empenhados em tornar Coruche num destino de qualidade, apostando nas actividades ligadas ao segmento do “LifeStyle” que não pára de crescer, comunicamos essencialmente para a Grande Lisboa e vamos pela primeira vez comunicar

para os turistas estrangeiros. A nossa oferta é direccionada para as “escapadelas” de fim-de-semana, estamos a 40 minutos de Lisboa, mas à distância suficiente para oferecer qualidade de vida e uma interacção com a natureza inexistentes nos meios urbanos. A estratégia da Câmara Municipal passa também por atrair para Coruche mais habitantes, numa primeira fase com a aquisição de segunda habitação e, numa fase posterior, com habitação permanente. O esforço que estamos a depositar no Coruche Inspira tem também o impulso do novo aeroporto de Lisboa, que ficará a 20 quilómetros de Coruche, esta nova realidade tem que ser explorada, no sentido de fazermos crescer a nossa população, mas sem nunca descaracterizar a realidade urbana e ambiental do concelho, isto numa lógica de continuarmos a potenciar os nossos argumentos turísticos. Qual é o calendário da iniciativa?

O Coruche Inspira desenvolve-se durante todo o ano. Começámos em Abril com as 24 horas de BTT, continuamos agora em Maio com os Sabores do Toiro Bravo e com a FICOR (Feira In-

ternacional da Cortiça), há a Escola em Festa em Junho, o ciclo de música Sons do Parque entre Junho e Agosto, o CCH Festival – Semana da Juventude em Julho, as Festas do Castelo em Agosto, depois em Setembro temos o Festival 80, o Campeonato da Europa de Pesca Desportiva e a Feira do Barato, em Outubro temos na agenda as Jornadas de Gastronomia e a Feira do Livro. Como principal novidade temos uma nova iniciativa que estamos a desenvolver em parceria com os agentes locais de turismo, chama-se Passe as Pontes em Coruche e destina-se a atrair visitantes durante os fins-de-semana prolongados, as chamadas pontes e fazer uma analogia às pontes sobre o vale do Sorraia, uma das imagens de marca de Coruche. No Coruche Inspira cabem ainda todas as iniciativas de relevância que nos sejam propostas pelos nossos parceiros: hotelaria, restauração, escolas equestres, adegas, colectividades, clubes e associações. Qual a importância do turismo no concelho e quais as áreas com maior potencial de desenvolvimento?

Pensamos que o turismo no

concelho tem que ter um papel de maior importância, admito que as nossas potencialidades estão ainda subaproveitadas. O trabalho que iniciamos o ano passado pretende inverter esta realidade, queremos que a curto, médio prazo, estou a falar em três, quatro anos, podermos dizer que Coruche é um destino turístico com grande visibilidade e procura. Os argumentos para captarmos o interesse dos turistas estão cá: os passeios de balão, o esqui aquático, a canoagem, o windsurf, as actividades equestres, o BTT, as provas de orientação, os passeios todo-o-terreno, os desportos radicais, um centro histórico interessantíssimo, uma zona ribeirinha de grande beleza, um Museu fantástico, o golfe, o próprio Montado de Sobro, a observação de aves, as antas, a caça e a pesca, enfim Coruche Inspira todas estas propostas, é caso para dizer que Coruche Inspira o lado bom da vida! Quando é que estará disponível o novo portal de turismo?

O novo portal estará disponível em www.corucheinspiraturismo.pt a partir de 22 de Maio. Nesse fim-de-semana vamos trazer vários convidados e co-

municação social para viverem in loco o Coruche Inspira, estamos a preparar um vasto programa de actividades para que os convidados e os jornalistas se inspirem nos nossos argumentos. A Câmara de Coruche face a outras autarquias está com uma dinâmica bastante forte nesta área do turismo. A que se deve essa dinâmica?

O turismo é encarado como uma peça fundamental do puzzle do desenvolvimento sustentado do concelho. O próprio presidente da Câmara tem-se empenhado desde sempre na dinamização deste sector, já enquanto vereador deste pelouro efectuou um excelente trabalho e agora enquanto presidente, a sua atenção e carinho por esta matéria é enorme. O facto de termos um presidente consciente da importância do turismo no contexto do desenvolvimento do concelho é extremamente importante, é sinónimo de estar garantida a vontade política, algo que provavelmente não acontece noutros concelhos. Depois a chegada da vereadora Célia Ramalho à nossa equipa veio também reforçar a dinâmica empreendedora.


SABORES DO TOIRO BRAVO - CORUCHE | ESPECIAL 25

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Confraria do Toiro Bravo Gastronomia ∑ Confraria promove a carne de toiro bravo O certame gastronómico Sabores do Toiro Bravo teve a sua primeira edição em 2003, surgindo como uma iniciativa única, um evento gastronómico que tem como ingrediente principal a carne de gado bravo. Na sequência do festival nasceu em Coruche a Confraria

Gastronómica do Toiro Bravo que vai ter no fimde-semana mais um capítulo, ou seja, a assembleiageral. Constituída por um conjunto de gastrónomos e especialistas, a Confraria tem desempenhado um importante papel na recuperação e promoção dos pratos tradicionais à base

Pega de caras na arena e... no prato

A Treinos dos forcados ao vivo na praça de Coruche. A par da gastronomia, os Sabores do Toiro Bravo oferecem aos visitantes a possibilidade de assistirem a treinos do Grupo de Forcados Amadores de Coruche. O cabo dos Forcados de Coruche Amorim Ribeiro Lopes considera que o certame gastronómico é uma excelente oportunidade para promover a festa dos toiros. O forcado, de 30 anos de idade, é um apreciador da carne de toiro bravo, “de preferência grelhada ou estufada”, mas quando lhe perguntamos se prefere fazer uma pega de caras no prato ou na arena, ainda hesita. “Na praça, tem outro sabor, devido às emoções, á adrenalina, e ao reconhecimento do público”, afirma. Os treinos dos forcados estão a começar nesta altura do ano e fim de semana

dos Sabores do Toiro Bravo, a partir das 15h00, todos podem assistir ao treino na praça de Coruche. “Habitualmente fazemos os treinos no campo, nas ferras (marcação dos animais jovens) e nas tentas (selecção das novilhas que serão usadas para reprodução). O Grupo de Coruche conta com cerca de 40 elementos, entre os 14 e os 34 anos de idade. Em cada corrida, são convocados os 18 elementos do Grupo, mas só 8 são seleccionados pelo cabo para fazer as pegas, em função das características dos toiros. A concluir o curso de piloto comercial de helicóptero, Amorim Ribeiro Lopes é o cabo dos Forcados de Coruche desde os 22 anos de idade, tendo sido um dos mais jovens forcados a ocupar este posto.

de carne de toiro bravo. A Confraria tem estado na primeira linha na defesa da certificação desta carne especial, tendo conquistado o apoio de muitos criadores de toiros de lide que poderão ter aqui uma fonte de receita. O veterinário de Coruche, Domingos da Costa Xavier, membro da

Confraria do Toiro Bravo, e um dos maiores defensores das vantagens deste tipo carne. “Não há outra carne com a qualidade da carne de toiro bravo. É um nicho de lixo que pode ser transformado num nicho de luxo”.Mas, “não há nada como provar para ficar a gostar”, adianta.


26

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Instituto Politécnico de Santarém

politécnico

Integram o Instituto Politécnico a Escola Superior Agrária de Santarém, Escola Superior de Educação de Santarém, Escola Superior de Desporto de Rio Maior, Escola Superior de Saúde de Santarém e Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém

Filme sobre os avieiros em Santarém “Memórias de um Rio – Avieiros, Nómadas do Tejo”, é este o título do documentário que vai ser exibido no próximo dia 6 de Maio, às 21h30, no teatro Sá da Bandeira em Santarém, numa iniciativa do Instituto Politécnico de Santarém e da Câmara Municipal de Santarém. Esta exibição

A O ex-ministro da Agricultura e actual eurodeputado foi mais um dos convidados ilustres deste curso

A revisão da PAC segundo Capoulas Santos Escola de gestão ∑ Debate sobre agricultura no Curso de Estudos Europeus O eurodeputado do PS, Capoulas Santos, considera que a atribuição de ajudas aos agricultores, após a reforma da Política Agrícola Comum (PAC) em 2013, deve ter em conta critérios de respeito pelo ambiente e de criação de emprego. Numa conferência integrada no curso de estudos europeus da Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém, o ex-ministro da agricultura português referiu que o grupo dos eurodeputados socialistas europeus, do qual é coordenador na Comissão da Agricultura do Parlamento, já chegaram a uma proposta de base para a reforma da PAC e na qual se defende a atribuição de ajudas por hectare de produção agrícola e a atribuição de

mais verbas aos agricultores que fizerem uma agricultura com mais respeito pelo ambiente e que crie mais postos de trabalho. Capoulas Santos defende ainda que devem haver critérios de atribuição ligados a regiões mais desfavorecidas do território europeu e ainda às áreas de produção agrícola de modo biológico ou com produtos certificados.

“A PAC actual é um modelo absurdo”

“Se estes critérios forem aceites, a PAC será muito mais favorável a Portugal do que foi nos últimos anos, uma vez que o nosso país é já tem uma agricultura amiga do ambiente a um nível que outros países não têm”, afirmou o eurodeputado. Capoulas Santos espera ainda que o valor de ajudas para o sector agrícola se mantenha após a reforma em 2013 e

∑ Classificando a PAC actual como “bem sucedida”, Capoulas Santos não deixou de criticar as “injustiças e desigualdades na repartição dos apoios”, nomeadamente com situações de agricultores que recebem fundos comunitários para não produzir. “Foi um modelo absurdo”, disse ainda o ex-ministro da agricultura.

que seja de, pelo menos, 35 por cento do valor total do orçamento comunitário. “Há outras áreas políticas, como a segurança, a energia ou a defesa, para as quais se reclamam mais verbas e não vai ser fácil manter este nível de ajudas à agricultura que, actualmente, andará na ordem dos 40 por cento do orçamento europeu”, frisou ainda. O eurodeputado socialista considera que é “indispensável” continuar a haver ajudas à agricultura porque, de outra forma, os produtos agrícolas europeus não terão condições de competir no mercado mundial com produtos de países de outros regiões do globo, como da América Latina ou da China. Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt

está inserida no programa do 1º Congresso Nacional da Cultura Avieira que se vai realizar em Santarém e Salvaterra de Magos, de 7 a 9 de Maio. O filme é da autoria de Francisco Manso e obteve já um prémio internacional. As entradas são livres mas sujeitas à lotação da sala.

Escola de Desporto debate ideias inovadoras A

O ex-árbitro Vítor Pereira vem falar sobre novas tecnologias aplicadas ao desporto

A Escola Superior de Desporto de Rio Maior (ESDRM) vai realizar a conferência “C.Sportup. 2010 - Ideias para o Futuro”, no próximo dia 5 de Maio, a partir das 9h30, no cineteatro de Rio Maior. O evento vai ser palco da apresentação de alguns dos principais casos de inovação da indústria do desporto nacional, assim como vão ser debatidas as principais tendências na área do design, entre outros aspectos. Estarão presentes empresas como a Ortik, que opera na concepção e comercialização de material para actividades de montanha; da Polisport, dedicada à indústria dos plásticos com recurso a tecnologias inovadoras com aplicações em diversos desportos, dos quais btt e motocilismo; e da Petratex, responsável por produtos tão revolucionários quanto mediáticos como o fato LZR Racer, utilizado pelo nadador Micha-

el Phelps nos Jogos Olímpicos de Pequim, ou o Vital Jacket, que permite a recolha de sinais biométricos através de uma “simples” t-shirt. Na área da indústria do fitness vão ser discutidas as principais tendências e os casos da cadeia de health clubs Solinca, do grupo Sonae, da empresa Slife, que inova ao implementar em Portugal o conceito inovador dos ginásios online, e da empresa Plux, que desenvolve soluções inovadoras para o desporto, saúde e investigação, através da integração de técnicas de processamento de sinais, dispositivos miniaturizados e sensores sem fios. No painel dedicado à arbitragem, em que estarão figuras com o ex-árbitro Vítor Pereira, vai-se debater a utilização das tecnologias aplicadas à arbitragem dos jogos desportivos, tendo por referência as modalidades do futebol e do rugby.


28

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

negócios Água de Coruche domina 60% do mercado nacional de garrafões Alexandre Carreteiro, director-geral da Nestlé Waters Direct, faz um balanço muito positivo dos primeiros 11 meses de actividade da nova fábrica de água em Coruche, um investimento que permitiu à empresa reforçar a presença no mercado nacional, onde já tem 60% da quota. Qual é o balanço que faz deste primeiro ano de actividade da empresa em Coruche?

É um balanço muito positivo. A abertura desta fábrica permitiu-nos criar uma marca nova, a Nestlé Selda, que nos deu uma notoriedade muito grande e, num ano, deu-nos a possibilidade de consolidar a nossa posição de líderes no mercado de águas de garrafão em Portugal, em que temos 60% de quota. Aqui em Coruche, com esta linha de produção, que tem uma capacidade de produzir 1200 garrafões por hora, conseguimos aumentar em muito a nossa capacidade que era de 750 garrafões nas antigas instalações da fábrica na Amora. Dá-nos também uma flexibilidade de reagir às necessidades de consumo do mercado, que é muito sazonal. Ficamos também com capaci-

dade instalada para fazer a manutenção das máquinas e instalámos aqui o armazém central onde armazenamos o nosso stock. Por todas estas razões, temos também uma boa perspectiva de crescimento no futuro. Em 2009, crescemos 3% em volume de negócios o que, face à crise económica, foi muito bom. A área das águas foi a única divisão da Nestlé na Europa que conseguiu crescer. Na abertura da fábrica, foi referido que esta unidade permitiria também avançar para o mercado de Espanha. Para quando essa internacionalização?

Existe efectivamente capacidade instalada, mas achamos que devemos primeiro consolidar o mercado português, sobretudo o mercado empresarial, assim como avançar mais no mercado doméstico. Cerca de 94% do nosso negócio está no mercado empresarial e 6% no mercado doméstico. Acreditamos que daqui a uns anos poderemos ter 85% da nossa produção no mercado de escritórios e 15% no mercado doméstico. Repare-se que somos a única empresa a produzir um garrafão de 11 litros destinado ao mercado do lar, no qual prestamos a mesma assistência que fazemos no mercado empresarial. Em Espanha estamos apenas no mercado das águas de pequeno formato. Como foi o crescimento do mercado doméstico?

Crescemos cerca de 30% no mercado de particulares, 55% na venda de máquinas e 30% na venda de garrafões. Já temos cerca de 3500 clientes neste mercado e acreditamos que estas taxas podem duplicar nos próximos anos. Quere-

A O director-geral da Nestlé Waters Direct, a multinacional que investiu 7 milhões de euros em Coruche mos reforçar mais a comunicação sobre os garrafões de 11 litros, vamos alterar a nossa imagem corporativa e apostar na distribuição. Vamos ter ainda novidades este ano na área de máquinas de distribuição. Como foi a escolha de Coruche para instalar a fábrica?

A procura de um local para instalar a fábrica começou há 4 anos porque a nossa fábrica antiga era alugada e tinha uma linha de produção muito baixa. Embalávamos uma água purificada e não podia ser uma água Nestlé. Todos esses factores limitavam o nosso crescimento. Pensámos em abrir duas fábricas, uma no norte e outra no sul, mas optámos por construir só uma e fizemos várias análises nesta região. Verificámos que aqui em Coruche existia água em quantidade e com uma mineralização baixa. Além disso, é uma zona que fica próxima de Lisboa e também com fácil acesso ao norte

do país. Por isso, a qualidade e quantidade da água e a localização geográfica foram factores importantes para a decisão. A Nestlé abre 10 fábricas por ano a nível mundial e, em 2009, uma delas foi em Coruche, por isso foi uma

escolha bem pensada e com confiança no potencial do país e do concelho. Há possibilidade de serem criados mais postos de trabalho, caso a empresa avance para Espanha?

Sim, estamos sempre

abertos nesse sentido até porque, quando a produção cresce, podemos criar até 3 turnos por dia. Nunca serão muitos postos de trabalhos novos, mas poderemos receber cerca de 5 a 15 de pessoas nalguns períodos.

Números do sucesso O negócio das águas é rentável?

A água é o bem mais puro que existe e a bebida mais saudável. Por isso, achamos que temos um produto fantástico. Em termos económicos, é um produto vencedor mas que precisa de ter uma estrutura de produção muito eficiente e ágil. O valor agregado do produto é pequeno, é vendido por um preço baixo e, por estes motivos, temos que apostar num bom serviço ao cliente. Somos uma empresa de águas, mas temos também uma panóplia de produtos complementares. Representamos a Nespresso no mercado empresarial, temos a representação da Buondi, da Sical e da Tofa. O nosso objectivo é chegar a gerir a cafetaria ou cozinha das empresas,

prestando um serviço integrado com produtos que sirvam todas as necessidades das empresas.

A

15 milhões de euros foi a quanto a empresa facturou em 2009

A A

34800 clientes em Portugal

60% da quota do mercado nacional de águas em garrafão de grande volume

A

45 milhões de litros de água vendidos ao ano

A

1200 garrafões produzidos por

hora

A

50 pessoas bebem um copo de água da Nestlé por minuto


INVESTIR & AGIR | NEGÓCIOS 29

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

TVT de Riachos cresceu 16%

CTIC PROMOVE SESSÃO SOBRE RESPONSABILIDADE AMBIENTAL O Centro Tecnológico das Indústrias do Couro (CTIC) vai promover, no dia 5 de Maio, a partir das 15h, uma sessão aberta sobre o tema da responsabilidade ambiental nas empresas. Ana Paula Simão, da Agência Portuguesa do Ambiente, irá intervir sobre o novo regime jurídico para esta área, José Eduardo Martins, ex-ministro do ambiente e advogado especialista no direito ambiental, irá falar do novo decretolei 147/2008 e Miguel de Pape, director da Marsch, irá falar sobre o seguro de responsabilidade ambiental. Inscrições no CTIC.

VINHO GUARDA RIOS EM CARTA DE REFERÊNCIA O Guarda Rios Tinto 2008, produzido pela empresa Vale D’Algares, em Vila Chã de Ourique (Cartaxo) foi seleccionado para integrar a Carta dos Grandes Vinhos Mercure 2010, um lote de 15 rótulos portugueses escolhidos por um júri de enólogos e outros especialistas do sector, na Selecção dos Grandes Vinhos Mercure em que, este ano, concorreram 61 vinhos. Com um posicionamento premium, os vinhos Guarda Rios são uma criação do enólogo Pedro Pereira Gonçalves é são sobretudo dirigidos a “consumidores experimentalistas e apreciadores para quem o nível de qualidade do produto é um elemento importante”, refere em comunicado a empresa. Além do Guarda Rios, a oferta de vinhos Vale D’Algares inclui o Vale D’Algares “Selection” Tinto e Branco, Vale D’Algares Branco (Viognier) e Vale D’Algares Late Harvest, cuja qualidade e originalidade já mereceram o reconhecimento de especialistas e o Prémio “Produtor Revelação do Ano” da Revista de Vinhos.

A Jornadas das Organizações de Produtores de Frutas realizaram-se em Almeirim

“Colocar agricultura na agenda”

O Terminal Multimodal do Vale do Tejo (TVT), em Riachos, cresceu 16% em 2009 face ao ano anterior, tendo registado o movimento de 68966 unidades de carga, um número superior às cerca de 59 mil registadas em 2008. A plataforma cresceu também no número de composições ferroviárias recebidas, com 1012 movimentos em 2009, bem acima dos 715 registados em 2008, um crescimento de 42%. A partir de meados de 2009, o crescimento acentuado da actividade no TVT tem como

principal justificação a parceria estratégica estabelecida com o operador ferroviário de mercadorias Takargo, a empresa que adoptou o terminal de Riachos com base operacional nacional para as suas operações. O TVT estabeleceu ainda, durante 2009, uma segunda parceria estratégica com a empresa transitária Transitex, tendo como objectivo a utilização do terminal para cargas internacionais e para incrementar as ligações ferroviárias com os terminais marítimos do porto de Lisboa.

Estradas de Portugal investe 18,5 milhões no distrito

Jornadas ∑ Organizações de Produtores debatem a PAC O secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural Rui Barreiro participou na sessão de abertura das jornadas temáticas da FNOP – Federação Nacional das Organizações de Produtores de Frutas e Hortícolas, que tiveram lugar na sexta-feira, no salão nobre dos paços do concelho de Almeirim. Na abertura das jornadas, o presidente da FNOP, Domingos Santos, sublinhou a importância destes encontros das organizações de produtores, num momento em que está tudo em discussão no sector agrícola, na preparação da reforma da política agrícola comum. José Canha, director regional de Agricultura do Ribatejo e Oeste, referiu a

importância das organizações de produtores. “Há 10 anos atrás, os técnicos que aqui vemos nestas jornadas não estavam a trabalhar nas organizações de produtores, o que prova que as organizações souberam criar massa crítica e aumentaram o seu potencial”. O secretário de Estado da Floresta e Desenvolvimento Rural Rui Barreiro

afirmou que “não é possível colocar na agenda do país os problemas da agricultura se não houver a capacidade dos produtores se entenderem e falarem a uma só voz e em entendimento com os responsáveis do sector no Governo”. O secretário de Estado deixou, pois, o apelo ao entendimento das organizações de produtores com a administração.

Governo promove consumo de fruta nacional

∑ “O Governo está empenhado em promover o que fazemos bem em Portugal”, disse Rui Barreiro, destacando o programa de promoção do consumo de fruta e hortícolas nacionais, que inclui a distribuição de fruta aos alunos das escolas.

A

A reparação dos buracos na rua O fazem parte deste plano de investimento A Estradas de Portugal (EP) vai investir 18,5 milhões de euros na conservação corrente de estradas no distrito de Santarém, entre este ano e 2013. Os trabalhos a realizar visam a manutenção e conservação dos 1020 quilómetros de vias e 424 pontes, viadutos e outras travessias que constituem a rede viária a cargo da. Do conjunto de 18 concursos públicos agora lançados, este representa o maior investimento da Es-

tradas de Portugal na conservação da rede rodoviária. Estas intervenções consistem na conservação de pavimentos, bermas e valetas, passeios, nós, intersecções, ilhéus e separadores, conservação de taludes, vedações e ainda na manutenção de obras de arte. Segundo garantiu a O Ribatejo, o director de Estradas no distrito, Alcindo Cordeiro, estas obras cobrem todas as vias do distrito que necessitam de obras.


30

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Z

LIGA DE HONRA

28ª jornada

29ª jornada (2 Maio) Fátima Carregado Aves Penafiel Feirense Sp. Covilhã Portimonense Gil Vicente

Estoril Freamunde Beira-Mar Trofense Oliveirense Chaves Varzim Santa Clara

Z

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12. 13. 14. 15. 16.

Oliveirense Beira-Mar Portimonense Santa Clara Feirense Trofense Desp. Aves Penafiel Freamunde Fátima Gil Vicente Estoril Varzim Chaves Sp. Covilhã Carregado

28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28

14 14 14 12 11 11 9 8 8 7 8 6 6 5 5 5

7 6 6 11 10 6 11 11 8 12 8 13 9 12 10 6

7 7 7 4 6 10 7 8 11 8 11 8 12 10 12 16

GOLOS

37-24 40-29 39-32 43-29 33-22 41-41 32-28 32-32 40-44 29-30 32-30 24-26 22-35 28-34 33-48 23-44

PONTOS

DERROTAS

1 2 2 0 0 0 1 2

EMPATADOS

Fátima Penafiel Santa Clara Sp. Covilhã Aves Carregado Portimonense Gil Vicente

JOGOS

1 1 5 3 1 2 2 3

VITÓRIAS

Classificação

Varzim Beira-Mar Trofense Oliveirense Estoril Chaves Feirense Freamunde

49 48 48 47 46 42 38 38 35 34 34 34 28 28 27 21

2ª NACIONAL - SÉRIE CENTRO

29ª jornada

30ª jornada (2 Maio) Vit. Pico U. Serra Sertanense Tondela Eléctrico Esmoriz Ol. Bairro Mafra

Monsanto Marinhense Arouca Praiense Pampilhosa Ac. Viseu Tourizense Operário

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12. 13. 14. 15. 16.

Arouca Pampilhosa Tourizense Tondela Mafra Esmoriz Sertanense Operário Praiense U. Serra Eléctrico Ac. Viseu Marinhense Oliv. Bairro Monsanto Vit. Pico

29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29 29

16 15 14 14 12 12 11 11 9 10 10 9 9 8 6 8

6 7 7 6 9 6 7 6 11 8 7 9 7 6 10 4

7 7 8 9 8 11 11 12 9 11 12 11 13 15 13 17

38-23 46-29 34-24 49-26 28-25 27-28 31-31 32-25 23-22 25-26 30-34 33-33 20-34 30-46 24-38 25-44

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

3 0 0 1 0 1 0 0

EMPATADOS

Tondela Mafra Sertanense Vit. Pico Eléctrico Esmoriz U. Serra Ol. Bairro

JOGOS

0 1 0 6 1 2 1 3

VITÓRIAS

Classificação

Monsanto Arouca Praiense Pampilhosa Ac. Viseu Marinhense Tourizense Operário

54 52 49 48 45 42 40 39 38 38 37 36 34 30 28 28

Z DISTRITAL - DIVISÃO PRINCIPAL - APURAMENTO CAMPEÃO E MANUTENÇÃO

10ª jornada (2 Maio) Amiense Cartaxo Alcanenense

Torres Novas Atl. Riachense U. Tomar

Div. Principal - Manutenção 9ª jornada Fazendense 2 U. Almeirim Mação 2 Alferrarede Pego 1 Ouriquense 10ª jornada (2 Maio) Alferrarede Ouriquense U. Almeirim

0 1 1

Fazendense Mação Pego

Div. Principal Atl. Riachense Amiense U.Tomar Alcanenense Torres Novas Cartaxo

1. 2. 3. 4. 5. 6.

Div. Principal Mação 9 Fazendense 9 Pego 9 Ouriquense 9 U. Almeirim 9 Alferrarede 9

Apuramento Campeão 9 7 0 2 14-7 9 5 2 1 13-4 9 5 0 4 11-12 9 2 2 5 10-13 9 2 2 5 10-16 9 1 4 3 10-13 - Manutenção 6 2 1 11-5 6 1 2 15-13 3 3 3 11-7 4 1 4 15-15 2 1 6 11-16 1 2 6 9-16

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

EMPATADOS

JOGOS

1. 2. 3. 4. 5. 6.

50 42 32 30 28 26 30 29 23 22 17 8

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - APURAMENTO DO CAMPEÃO

6ª jornada

7ª jornada (2 Maio) Mindense Ouriense Benavente

1. 2. 3. 4. 5. 6.

Moçarriense Ferroviários Samora

Ouriense Samora Correia Moçarriense Benavente Ferroviários Mindense

6 6 6 6 6 6

4 3 2 3 1 0

2 2 3 0 2 1

0 1 1 3 3 5

12-6 10-4 11-7 12-11 3-5 1-14

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

0 0 2

EMPATADOS

Benavente Mindense Ouriense

JOGOS

3 2 1

VITÓRIAS

Classificação

Moçarriense Ferroviários Samora

14 11 9 9 5 1

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - TORNEIO DE ENCERRAMENTO Série A

6ª jornada (2 Maio) Goleganense Caxarias

U. Chamusca Ferreira do Zêzere Série B

5ª jornada Pontével Porto Alto 6ª jornada (2 Maio) Porto Alto Salvaterrense

1 1

Salvaterrense Emp.Comércio

Pontével Emp.Comércio

4 4

PONTOS

GOLOS

DERROTAS

Classificação

U. Chamusca 2 Ferreira do Zêzere 1

EMPATADOS

4 3

JOGOS

5ª jornada Caxarias Goleganense

VITÓRIAS

Z

Classificação VITÓRIAS

Div. Principal - Apuramento Campeão 9ª jornada Atl. Riachense 2 Amiense 0 U. Tomar 1 Cartaxo 0 Torres Novas 2 Alcanenense 5

Z

André Lopes

desporto

1. 2. 3. 4.

Caxarias Ferreira Zêzere Goleganense U. Chamusca

Série A 5 2 5 2 5 1 5 1

3 0 3 2

0 13-7 9 3 8-12 6 1 7-6 6 1 10-13 5

1. 2. 3. 4.

Salvaterrense Emp. Comércio Porto Alto Pontével

Série B 5 1 5 3 5 1 5 0

1 1 1 1

0 11-3 13 1 11-4 10 3 4-8 4 4 5-16 1

A Riachense-Amiense: Um embate de titãs justamente ganho pelo campeão. Divisão Principal - fase final

Riachense é o novo campeão distrital O Atlético Riachense voltou ao estado de glória no passado domingo no encontro da atribuição do título. Depois da surpreendente goleada sofrida em Torres Novas na semana anterior, o Riachense voltou a mostrar que merece a renovação do título ao superar o Amiense na penúltima jornada do campeonato. As contas ficaram arrumadas e o clube de Riachos sagrou-se bicampeão distrital pela primeira vez na sua história. No Coronel M á r io Cunha estiveram pouco mais de mil pessoas para assistir a um jogo de nervos, mas que o emblema alvi-negro soube controlar com a sapiência de um verdadeiro campeão. Perante as ausências dos dois centrais habitualmente titulares, Frederico Rasteiro colocou uma táctica focada no domínio do meio campo e do sector até à defesa, que deu frutos com os dois

golos de Carioca, um em cada parte. Quanto ao Amiense de Paulo Eira, ressalva-se uma notável recuperação da sua equipa durante a fase final do campeonato, conseguindo mesmo por algumas ocasiões ameaçar a hegemonia do líder. Nos restantes encontros, destaque para o U. Tomar que venceu o Cartaxo de uma forma pragmática. O jogo, dizem as testemunhas, foi de fraca qualidade. Flávio estabeleceu a vantagem mínima, já em cima do apito final. Uma grande exibição do Alcanenense em Torres Novas deu origem ao resultado mais alargado e surpreendente da jornada, que de resto, deixou os amarelos de fora do pódio. João Caetano (2), Renato, Soma e Peu marcaram uma mão cheia de golos que deixou José Torcato com boas expectativas para a final da Taça de 9

de Maio. Com tudo já definido, o único jogo que suscita interesse à partida para a última jornada é o Alcanenense-U.Tomar. Aos nabantinos o empate basta para garantir o 3.º lugar, enquanto o Alcanenense terá que vencer para lá chegar. O Cartaxo, que terminará em 6.º ou 5.º lugar, recebe o Riachense no Campo das Pratas. O campeão vai aproveitar para rodar o plantel, enquanto pensa na final da Taça Ribatejo. Por fim, o Amiense, com o 2.º lugar garantido, recebe o Torres Novas, que ainda pode subir ao 4.º. Certo é que todos preferem terminar em beleza, com uma vitória.

U. Almeirim não escapa à descida No grupo de manutenção, o Fazendense empurrou o seu rival U. Almeirim para a Divisão Secundária. No dérbi concelhio,

os golos de Batata e Carrapato deram forma à vitória, dedicada a Tavares ter dúvidas que se vai retirar definitivamente do futebol, como jogador. No início da partida houve uma despedida de homenagem ao experiente jogador do Fazendense. O Mação e o Alferrarede cumpriram calendário, num jogo ganho pelos rapazes da terra do presunto, através dos tentos de Filipe Mansinho e Esteves. Por fim, Pego e Ouriquense dividiram pontos o que, diga-se, era suficiente para ambas as equipas garantirem a permanência. No domingo, o Mação terá de vencer em Vila Chã de Ourique, se não quer correr o risco de perder o 7.º lugar para o Fazendense, que vai a Alferrarede fazer pela vitória. O Pego vai a Almeirim tentar garantir o 9.º lugar. No entanto os pegachos têm a manutenção assegurada.


FUTEBOL | DESPORTO 31

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Liga de Honra

Divisão Secundária

Ouriense lançado para a subida à divisão principal A vitória sobre outro forte candidato à subida, o Samora, deixou o Ouriense sozinho na liderança. Neste encontro entre líderes, o Samora tinha obrigação de ser mais arrojado, uma vez que jogava em casa. E Paulo Sérgio colocou mesmo os axadrezados em vantagem através de um penálti ainda na primeira parte. Mas no segundo tempo, Marco e Ricky fizeram a reviravolta para o Ouriense. Apesar de ainda faltarem quatro jornadas, é seguro dizer que o Ouriense vai disputar a Divisão Principal na próxima época. Mas uma surpresa ainda maior veio do campeonato veio do concelho de Santarém, mais precisamente da Moçarria. O

Benavente foi derrotado por três a zero pelos amarelos de Sérgio Domingos. O Moçarriense adiantouse assim na corrida, afastando-se do Ferroviários que também tem as mesmas aspirações. O Ferroviários obteve a sua primeira vitória no campeonato, na recepção ao Mindense, que já está a oito pontos de um lugar de promoção. Telmo e Marco Alemão fizeram o gosto ao pé. No Complexo desportivo do Bonito ocorreu um episódio invulgar, em que a árbitro auxiliar Inês Henriques foi substituída, por se recusar a arbitrar a partida, devido a um alegado desentendimento com o seu árbitro principal. No domingo que vem

disputa-se a 7.ª jornada. O Ouriense recebe o Ferroviários. Se a turma do Entroncamento perder frente ao favorito Ouriense, fica com a promoção quase perdida. O jogo no Campo da Caridade foi adiado para as 18h30. O Samora tem u m dérbi com o Benavente, mais um jogo de expectativas incertas. Por fim, o Moçarriense desloca-se a Minde, onde é favorito à conquista dos três pontos.

Torneio de Encerramento Na série A do torneio, o Caxarias venceu o U. Chamusca e aproveitou a derrota do Ferreira do Zêzere na Golegã para se isolar na liderança. Falta apenas a última jornada, em que

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200501041614 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS 1ª PUBLICAÇÃO JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado ANTÓNIO FRANCISCO FARIA CASTRO, no estado de casado com Ana Cristina da Silva Aldeias Castro, ele com domicílio fiscal na Quinta de Santo Amaro – Lote 2 Bloco A – 2600 Vila Franca de Xira e ela no Bairro de Santa N 1 2005-366 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 17 de Junho de 2008 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que são responsáveis respeitantes a Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e Coimas Fiscais (CF), dos anos 2004 a 2007, no montante actual de 2.862,16 €, sendo 2.269,15 € de quantia exequenda e 592,65 € de acréscimos legais. BEM A VENDER Prédio urbano sito no lugar de O Almeirim – Arneiro das Milhariças, na freguesia de Arneiro das Milhariças, concelho de Santarém, composto de casa de rés-do-chão com três divisões destinadas a arrecadações e arrumos, com a área de 93,00 m2. Confronta de norte e poente com António Rodrigues Peniche, de sul com estrada e de nascente com Manuel Duarte Grilo. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Arrecadações e Arrumos, Tipologia/Divisões: 1, Tipologia: 3, Área total do terreno: 93,00m2, Área de implantação do edifício: 93,00m2, Área bruta privativa: 93,00m2, Área bruta dependente: 00,00m2 e Área bruta de construção: 93,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1937 sob o artigo urbano nº 331, da freguesia de Arneiro das Milhariças. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00409/19911210 (Arneiro das Milhariças) É depositário o Sr. António Francisco Faria de Castro, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 25 de JUNHO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 3.927,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2008.131 – ANTÓNIO FRANCISCO FARIA CASTRO”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado e seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se referem as verbas nºs 1 e 3 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos vinte e oito dias do mês de Abril do ano de dois mil e dez.

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra) (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1278 de 30.04.2010)

O ESCRIVÃO, (João José Marcelino Tavares)

para o Caxarias basta o empate com o Ferreira do Zêzere para vencer a série. O Goleganense também tem possibilidades matemáticas de lá chegar, mas uma vitória ante o U. Chamusca pode não ser suficiente. Na série B, os visitantes foram os vencedores, curiosamente pelo mesmo resultado. O Salvaterrense goleou o último classificado Pontével, e o Empregados do Comércio fez o mesmo em Porto Alto. O Salvaterrense também só precisa de empatar na recepção ao Empregados do Comércio para ficar em 1.º lugar. Porto Alto e Pontével jogam uma peladinha para cumprir a última jornada do Torneio de Encerramento.

Fátima empata Já tranquilo quanto à participação na Liga Vitalis na próxima temporada, o Fátima conseguiu um empate tranquilo no reduto do Varzim. Sendo certo que os pontos são agora mais urgentes para os poveiros, que estão apenas a um ponto da despromoção, o Fátima teve ainda assim as melhores oportunidades. Marcou mesmo primeiro por intermédio de João

Fonseca, durante o primeiro tempo. O Varzim conseguiu empatar, mas sem convencer. A Liga decidiu antecipar todos os jogos da penúltima jornada para amanhã, 1.º de Maio às 17h30. O Fátima recebe o Estoril na disputa por um resultado dignificante, uma vez que ambas as equipas já têm o objectivo cumprido e estão apenas a cumprir calendário.

2ª Nacional

Monsanto goleado Enquanto espera pela 3.ª Divisão Nacional, a equipa da aldeia do concelho de Alcanena somou mais uma derrota, desta vez na recepção ao Tondela, com uma goleada que não aquece nem arrefece as contas

de qualquer uma das equipas. No domingo, o campeonato termina, com o Monsanto a voar até à vila de S. Roque, na ilha do Pico, para uma peladinha entre despromovidos.


32 DESPORTO | MODALIDADES Hóquei Clube de Santarém

Fim-de-semana jogado em Turquel Por acaso do calendário, as equipas do Hóquei Clube de Santarém (HCS) realizaram no passado fimde-semana quatro jogos em Turquel, de onde saíram com duas derrotas e duas vitórias. Os infantis começaram bem a partida, mas acabaram por perder por 5-1. Quando os da casa ainda estavam a vencer apenas pela margem mínima, a cinco minutos do fi-

nal, uma desconcentração transformou uma situação possível de empate em 3-1, tendo o Turquel ainda feito mais dois golos nos últimos 40 segundos. Os iniciados venceram por 6-1, mas só construíram a goleada na segunda parte, tendo ido para o intervalo apenas a vencer por 1-0. Em benjamins, o HCS venceu por 15-3, ao passo que escolares perdeu por 16-7.

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Campeonato de futebol do Inatel

Azambujeira e Almoster na final Azambujeira e Almoster são as duas equipas que vão disputar a final distrital do campeonato de futebol do Inatel, este ano baptizado Taça Albino Maria, num jogo que se realiza sábado, 1 de Maio, no estádio municipal de Alcanena. Nos jogos das meias-finais, que se disputaram no passado fim-de-semana, a equipa do concelho de Rio Maior, actual cam-

peã distrital em título, apurou-se ao vencer o Benfica do Ribatejo por 1-0. O Almoster também teve tarefa complicada frente ao Paço dos Negros, mas acabou por levar a melhor pelo mesmo resultado, 1-0, e depois de terem passado uma boa parte da segunda metade do encontro a jogar com apenas nove elementos, fruto de duas expulsões.

Assim, as duas equipas do concelho de Almeirim vão disputar o 3º e 4º lugar às 10h30, ao passo que Azambujeira e Almoster discutem o título de campeão distrital da Fundação Inatel às 17 horas. Quanto à série 2, realizaram-se no passado fim-desemana, 24 e 25 de Abril, os jogos referentes aos quartos de final, em que o Olival venceu o Fazendas

4ª “Rota dos Amieiros”

SANTARÉM BASKET PERDE POR DOIS PONTOS

Passeio de BTT em Amiais de Baixo O 4º passeio de BTT “Na Rota dos Amieiros” realiza-se no próximo dia 23 de Maio, pelos trilhos da Serra de Aire e Candeeiros e por terrenos agrícolas e florestais da freguesia de Amiais de Baixo, concelho de Santarém. As inscrições estão abertas e podem ser feitas na Junta de Freguesia, responsável pela organização da prova, pelos números 935 302 447 e 919 788 606, ou através do site www.bbtamiaisdebaixo.blogspot.

com. Custam 15 “pedais” com direito a almoço ou 10 “pedais” para quem só quer participar na prova, e incluem reforço alimentar, lavagem de bicicletas, banhos quentes, seguro de acidentes pessoais e lembranças para os participantes. O passeio, de dificuldade média, está dividido em dois percursos de 25 e 45 quilómetros, e tem partida marcada para as 8h30, junto ao pavilhão do C.D. Amiense.

Barragem dos Patudos, Alpiarça

Demonstração de pesca desportiva A Iª Associação Regional de Pesca Desportiva de Rio, com sede em Tomar, vai realizar uma demonstração de pesca desportiva para jovens entre os 8 e os 14 anos, no próximo dia 1 de Maio, entre as 15 e as 18 horas, na barragem dos Patudos, em Alpiarça. Além de

proporcionar uma tarde de convívio em contacto com a natureza, o objectivo desta iniciativa é dar a conhecer a fauna dos rios, as técnicas utilizadas na pesca e as regras que se devem observar deste desporto, nomeadamente a devolução do peixe à água.

Figueiras por 2-1, o Ulme bateu as Alcobertas por 3-0, o Zebrinho ganhou à Malhada Alta por 1-0, e o Vale de Cavalos eliminou o Alencalense por 3-2 nas grandes penalidades, após um empate sem golos no final do encontro. As meias finais estão marcadas para 9 de Maio, às 16 horas, com os jogos Olival – Ulme e Vale de Cavalos – Zebrinho.

As seniores do Santarém Basket perderam no passado fim-de-semana em casa por dois pontos, 45-47, frente ao Lousada, em jogo a contar para o nacional da 1ª divisão feminina de basquetebol.

TRAMAGAL CELEBRA 88º ANIVERSÁRIO Queniano Kiprono Menjo foi o vencedor

Rui Silva falha objectivo de vencer no Cartaxo Ao terminar na 2ª posição, Rui Silva falhou o objectivo de vencer o grande prémio de atletismo realizado em sua homenagem, na noite de 24 de Abril, nas ruas do Cartaxo. O queniano Kiprono Menjo, com 28m40s, acabou por cortar em primeiro a meta da X edição do “Grande Prémio Rui Silva”, deixando o atleta cartaxeiro, que corre pelo Sporting, no segundo

lugar, com 29m11s. Filipe Pedro, do Joane, correu os 10 quilómetros em 30m11s e fechou o pódio da prova principal masculina, que foi sempre controlada por Kiprono Menjo. Rui Silva ainda conseguiu acompanhar o ritmo do queniano na primeira metade da prova, mas, a partir dos sete quilómetros, a distância entre ambos foi aumentando, com Kiprono

Menjo a impor um ritmo bastante forte. No que se refere às mulheres, a vitória também foi conquistada por uma atleta do Quénia, Rod a h Cherop, com 34m51s. Doroteia Peixoto, da Sportzone Team, a apenas seis segundos da vencedora, e Elisabete Lopes, do Maratona Clube de Portugal, que fez 35m13s, foram respectivamente segunda e terceira classificadas.

O Tramagal Sport União (TSU) comemora no dia 1 de Maio o 88.º aniversário. Do programa consta às 9h30m, no pavilhão municipal, um encontro de mini-basquetebol com a presença das principais escolas do distrito. Às 12h30m, na escola Octávio Duarte Ferreira, realiza-se o almoço comemorativo da efeméride, com a entrega da borboleta de prata aos 20 sócios mais antigos. Às 16 horas, no Campo Comendador Eduardo Duarte Ferreira, os seniores do TSU defrontam Meiaviense, e às 17h30m, no pavilhão, os sub20 masculinos tramagalenses recebem o Hiper-Activo da Malveira, num jogo a contar para a última jornada da XIV Taça Nacional de Basquetebol.


MODALIDADES | DESPORTO 33

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Ténis em Almeirim

Centenas de espectadores em Coruche

Mariana Salvador vence “Pink Cup”

Pilotos de trial 4x4 dão espectáculo

Os courts de piso rápido de Almeirim receberam no passado fim-de-semana a 3ªedição da “Pink Cup Almeirim”, o único evento de ténis exclusivamente feminino que se disputa em Portugal no escalão juvenil. Em sub18, a vencedora foi Mariana Salvador, que na final venceu a nº 3 nacional, Patrícia Guerreiro, que desistiu. Em sub14, Inês Mesquita, de Leiria, venceu Te-

resa Carolino pelos parciais de 6-1 e 6-0, conquistando assim o torneio, cedendo apenas um jogo no torneio. De Almeirim, participaram Margarida Calças em sub14 (perdeu na primeira ronda por duplo 0-6), Marta Ferreira (quartos-de-final), Beatriz Fernandes (meiasfinais), Bárbara Rosário (quartos-de-final) e Carlota Féria (meias-finais), todas em Sub18.

As encostas do “Montinho do Brito”, concelho de Coruche, foram palco no passado fim-de-semana de uma prova de trial “Extreme 4x4” que contou com 13 equipas inscritas na classe “open” e seis inscritas na classe “proto”. No que se refere a esta última categoria, a prova foi ganha pela “Hoticulas Team”, seguidas da “Ladricolor” e “VSA Automóveis”. Na classe “open”, onde se destaca a presença de muitas equipas estreantes na competição, a vitória coube à equipa “Açorda”, relegan-

do para os restantes lugares do pódio as favoritas “Bacorinho” e “Auto-Variante”. Deste todo-o-terreno organizado pelo Moto Clube Sancho, há a destacar as excelentes condições naturais do local da prova a que a organização juntou obstáculos adicionais para aumentar a emoção para pilotos e público. A competição terminou com um jantar convívio e entrega de prémios, durante o qual o Moto Clube Sancho se comprometeu com o regresso desta prova em 2011.

Hóquei em Patins

Judo - Casa do Benfica de Santarém

Taça CERS em Torres Novas

Scalabitanos medalhados em Barcelos

O Comité Europeu de Hóquei em Patins (CEHP) escolheu o palácio dos desportos de Torres Novas para a realização da “final four” da Taça CERS, a segunda mais importante competição europeia a nível de clubes, e que se reali-

Cinco judocas da Casa do Benfica de Santarém (CBS) participaram no torneio open sénior de Barcelos, que se realizou no passado fim-de-semana. Destaque para as medalhas de bronze conquista-

za nos próximos dias 15 e 16 de Maio. Nesta altura decisiva, já só há uma equipa portuguesa ainda em prova, o SL Benfica, que vai ter a concorrência de três fortíssimas formações espanholas, o Igualada, o Pati Blanes e o Liceo HC. Segundo

o comité técnico do CEHP, que anunciou a sua decisão final na passada sexta-feira, o pavilhão de Torres Novas foi escolhido, entre várias candidaturas de outras cidades europeias, pelas instalações de qualidade que oferece.

das por Anton Mukhin, na categoria de -66 quilos, e Rui Moleiro, na categoria de +100 quilos. Pedro Vargas, na categoria de -66 quilos, classificou-se no 9º lugar, ao passo que Bernardo Prata e João Baptista partici-

param no escalão júnior, em -60 e -66 quilos, respectivamente. Alguns destes atletas vão estar em competição este fimde-semana, no campeonato nacional de equipas seniores , que se realiza em Lisboa.


34

O Ribatejo

6ª Mostra Coreográfica em Tomar

culturas

30 | Abril | 2010

Dia 30 de Abril realiza-se a 6ª Mostra Coreográfica no Cine Teatro Paraíso, em Tomar às 21h30, pelos alunos do curso básico de dança. Resultado do trabalho desenvolvido nas disciplinas de Dança Criativa e Criação Coreográfica.

destaques

“Belavista” histórias sobre o fascínio do real e do imaginário em Santarém “Belavista” sobe ao palco do Teatro Sá da Bandeira, em Santarém, dia 30 de Abril, às 21h30. Em estreia absoluta em Santarém, esta peça de Lisa McGee, encenada por Rui Lopes está inserida no festival “Panos” – Palcos Novos Palavras Novas da Culturgest, que alia o publico juvenil à arte da representação. No papel principal deste espectáculo está a reclusa Lillie Lee, cuja doença não lhe permite sair de casa e assim observa e cria histórias únicas através da sua janela, em pleno bairro da Belavista, na periferia de Lisboa.

Relações humanas, solidão, fronteiras, curiosidade e voyerismo estão no cento desta peça única, onde tudo é vivido de forma intensa, em especial a adolescência, uma fase em que tudo é imediato e uma questão de vida ou morte, momentos inundados pelo tédio, a dor e a adrenalina que o perigo provoca e alicia. Uma iniciativa Panos, que une os jovens pela arte da representação e da dramaturgia através de uma história de fascínio pelo real e o imaginário, para ver no Teatro Sá da Bandeira, em Santarém, dia 30 de Abril, às 21h30.

Teatro “Dois Irmãos” em Abrantes

Abrantes recebe dia 1 de Maio, às 21h30, no Cine-Teatro S.Pedro, a peça “Dois Irmãos” de Fausto Paravidino. Um espectáculo inserido no âmbito da IV Mostra de Teatro que nos mostra a história de dois irmãos, uma rapariga, um espaço fechado, uma cozinha e um crime. Mas que corpo será esse? Que fazia e de onde veio? E mais importante, afinal quem são os dois irmãos? Uma peça envolvente para ver dia 1 de Maio, às 21h30, no Cine Teatro S.Pedro, em Abrantes.

“Baú de Missangas no Cartaxo “Baú de Missangas” é o título do livro de poesia que Glória Dias Sereno vai apresentar no dia 8 de Maio, pelas 16h00, na Biblioteca Municipal Marcelino Mesquita. Um livro que reúne um conjunto de “histórias rimadas e cheias de ternura e ensinamentos”, onde a poetisa “soube encontrar o oásis e o refrigério, dandose a ler”. Um livro dedicado aos mais novos e através dos quais a poetisa encontrou inspiração e criatividade para as ilustrações.

“La Nonna” no Sá da Bandeira

“La Nonna”, do dramaturgo argentino Roberto Cossa, uma “comédia de situações grotescas” sobe ao palco do Teatro Sá da Bandeira, dia 02 de Maio, às 16h00. Trata-se de uma comédia de situações grotescas, que retrata uma família de imigrantes italianos. “Uma avó centenária, La Nonna, de dimensão quase sobrenatural, que devora todos os alimentos que encontra ao seu alcance, acabando por arruinar material e moralmente toda a sua família e levá-la até à sua destruição total”,

roteiro cinemas SANTARÉM W Shopping - Cinemas

Sessões às 13h20, 16h00, 18h40, 21h10 e 23h50.

ao lado). Sessões às 13h30, 16h10, 18h50, 21h40 e 00h15

O Homem de Ferro 2

Tel: 707220220

Castello Lopes 1

Castello Lopes 2

Parnassus - o homem que queria enganar o diabo

Juntos ao Luar

Acção/Aventura (M12) “Imaginarium” é o nome de um espectáculo fantástico e ambulante, que o Dr. Parnassus conduz de terra em terra, e que satisfaz todas as fantasias dos seus espectadores.

22h00 e 00h30

Castello Lopes 3

Romance (M12) Savannah Curtis encontra-se de férias escolares quando conhece John Tyree, um soldado de regresso a casa em licença. Para o jovem, é praticamente amor à primeira vista. Sessões às 13h50, 16h30, 19h10,

Acção/Aventura (M12) O mundo já sabe que o inventor bilionário Tony Stark é o super herói Homem de Ferro. Pressionado pelo governo, pela imprensa e pelo público para partilhar a sua tecnologia com os militares, Tony não está disposto a divulgar os seus segredos. (Destaque

Castello Lopes 4

perigosa missão.Sessões às 13h40, 16h20, 19h00, 21h20 e 00h00

sões às 13h00, 15h10, 17h20 e 19h30.

Um cidadão exemplar

Confronto de Titãs

Castello Lopes 5

Acção/Aventura (M12) Nascido de um deus, mas criado como um homem, Perseus foi impotente para salvar a sua família de Hades, o deus vingativo do submundo. Sem nada a perder, Perseus voluntaria-se para liderar uma

Como treinares o teu dragão Animação (M6) Do mesmo estúdio que criou “Shrek”, “Madagáscar” e “O Panda do Kung Fu” esta divertida aventura que tem lugar no lendário mundo de Vikings. Ses-

Drama(M16) Clyde Shelton é um cidadão exemplar que vê a sua mulher e filha serem assassinadas. Anos depois, o homem que se safou da acusação de homicídio é encontrado morto e Clyde Shelton admite friamente que é o culpado. Sessões às 15h40,


O Ribatejo

Feira Nacional do Fumeiro, Queijo e Pão no Sardoal

30 | Abril | 2010

CULTURAS 35

A 4.ª Feira Nacional do Fumeiro, Queijo e Pão chega ao Sardoal no dia 30 de Abril, e fica até 2 de Maio. Uma iniciativa de inesquecíveis sabores e muita animação musical, articulando a música tradicional aos ritmos da dança.

exposições

à volta dos livros

Destaque

Abrantes

Feira Quinhentista em Torres Novas

Fotografia “Humans in the city”, traduzse num projecto fotográfico, videográfico e de instalação que apresenta a distribuição espacial dos seres humanos em locais urbanos. Reúne um conjunto de obras sobre “Espaço-Tempo”, um tema habitualmente presente na reflexão do artista. Para ver na Galeria Municipal de Arte até 21 de Maio.

De 30 de Abril a 2 de Maio, Torres Novas vai transformar-se num quadro vivo quinhentista para evocar a atribuição do Foral Novo a esta população, concedido há 500 anos por D. Manuel I. Nestes dias, o centro histórico da cidade e, em especial, a envolvente do Castelo, vai receber a recriação histórica da chegada do rei D. Manuel e da sua corte real, com uma autêntica feira de época, com bancas de artesãos, de doçaria, de cestaria, dos típicos frutos secos e também os ofícios da época como o ferreiro, a tecelã e o carpinteiro. Vão ser ainda recriados jogos tradicionais, vão haver concertos e bailes renascentistas de época, jantares da Corte, vai ser criada uma “Praça dos Mercadores”, as tradicionais “bodegas”, zonas de restauração, a “mouraria”, um espaço esotérico com cartomantes, bruxas e feiticeiras no interior do Castelo, sem esque-

Samora Correia “Festa Brava” Cavalos na lezíria e touros na charneca, o seu habitat natural; detalhes do olhar do touro ao cruzar-se com o do toureiro na hora da verdade; momentos marcantes e únicos, imortalizados em fotografias e telas que mostram bem a aficcion dos dois autores, Vítor Neno e Jorge Francisco. Para ver até Junho, no Centro Cultural de Samora Correia.

cer os mendigos, amputados, assassinos, ladrões e ainda uma praça de armas com acampamento militar e os jogos da altura. Tudo isto para recriar um momento que marcou a história do concelho e que ficou conhecido como o “foral novo”. Momentos que vão marcar esta comemoração que tem o objectivo de, não só evocar a história local, como também de afirmar o concelho como um destino turístico e cultural.

Santarém comemora o “Mês do Coração” na sala de leitura Bernardo Santareno, de 1 a 31 de Maio, com duas exposições. Uma bibliográfica intitulada “Saúde e BemEstar” onde o público é convidado a sentar no canto da leitura e a consultar livros relacionados com os temas da saúde e do coração.

Maria Cristina Becho nasceu em Lisboa e vive em Santarém. Aos 49 anos é educadora de infância e a escrita acompanha-a desde que aprendeu as primeiras letras. “Contos da Casa” é o seu primeiro livro e chega até nós com a chancela da Chiado Editora. A apresentação pública é no próximo dia 8 de Maio, às 16 horas, na Sala de Leitura Bernardo Santareno.

Homem de Ferro 2, Explosivo!

Quando começou a escrever? Comecei a escrever logo quando fui para a escola e aprendi as primeiras palavras. Pedia aos meus pais para me comprarem cadernos e aí comecei a relatar e a imaginar histórias. A educação que levava permitiu-me desenvolver o gosto pela escrita e pela leitura de forma intensa mas muito pessoal.

Será um pássaro? Um avião? Talvez o SuperHomem? Não! É mesmo o homem de ferro! Um dos mais esperados filmes deste ano chega-nos esta semana. Seguindo a febre de adaptações da banda desenhada para o grande ecrã, “Homem de Ferro 2” é a sequela de talvez a melhor adaptação do género. Este filme realizado por Jon Favreau, é o feliz portador de um elenco, no mínimo explosivo, protagonizado pelo multifacetado e não menos marcante, Robert Downey Jr acompanhado pela sedutora Scarlet Johansson e pelo veterano e muito na moda Mickey Rourke. Adicionem um pacote de pipocas gigante a tudo isto e temos claramente ingredientes para um dos melhores filmes de acção do ano! Homem de Ferro 2 é já um vencedor. Mais informação em www.oribatejo.pt

Como caracteriza este seu primeiro livro? Este livro é uma colectânea de contos escritos há quase uma década. São memórias minhas e da minha infância mas sempre ficcionadas. São como histórias de ficção suportadas pela minha memória e que têm um tronco comum, a casa dos meus avós, na Serra da Estrela, onde passava o Verão com a família e da qual tenho boas me-

Santarém Mês do Coração

Contos, crónicas e romances de Mª Becho

Câmara Lenta - Antevisão por Francisco Maia

Tomar Gracinda Candeias Com cinco dezenas de exposições individuais e participação em mais de 500 exposições colectivas, Gracinda Candeias chega a Tomar, à Galeria Paços do Concelho, em Tomar, até 30 de Junho.

mórias. É um livro com um lado muito pessoal e que apesar de conter muita ficção não deixa de ser uma autobiografia O que a levou a escrever esta obra? Numa fase mais madura da minha vida, a minha escrita estava mais adulta e ganhei coragem para tirar as histórias da gaveta e mostra-las aos amigos que me foram incentivando. Procurei formação para melhorar a forma de escrita e nessas iniciativas ainda me incentivaram mais. Então ganhei coragem e procurei realizar este sonho. A escrita é para continuar? Agora tomei o gosto e abri portas que pensava serem impossíveis de abrir. Consoante o impacto que o livro tiver no público ai pensarei se há possibilidades de editar outro livro. No entanto, apesar de editá-lo ou não, a escrever continuarei sempre.

roteiro cinemas 18h20, 21h50 e 00h20.

Castello Lopes 6

TORRES NOVAS TorreShopping

Um sonho possível

Confronto de Titãs

Drama(M12) Michael Oher, um teenager sem abrigo que sobrevive como pode, é avistado na rua por Leigh Anne Tuohy. Esta, reconhecendoo como colega de escola da sua filha, insiste para que ele saia do frio. Sessões às 13h10 15h50, 18h30,21h30 e 00h15

Acção (M12)- Sessões às 12h40, 14h50, 17h00, 19h10, 21h30 e 00h00

Fora de Controlo Thriller(M12)- Sessões às 13h10, 16h00, 18h30, 21h10 e 23h40

Como treinares o teu dragão Animação (M6)- Sessões às 12h50, 15h00, 17h10 e 19h20

Homem de Ferro 2 Acção (M12)- Sessões às 13h00, 15h30, 18h00, 21h30 e 00h00

Teatro Virgínia Atirar num elefante Documentário

(M12)

Um

/ confeitaria em Santa Barbara, tem uma relação amigável com o seu ex-marido, o advogado Jake. De 29 a 5 de Maio, às 21h30.

com pistolas, alfange e florete, ele e os seus homens dão vazão à sua sede de sangue ao lutarem por Inglaterra. Dia 1 de Maio às 21h30.

OURÉM

BENAVENTE

CineTeatro

CineTeatro

Centro Comercial Millenium

Solomon Kane

Espião nas horas vagas

Amar é Complicado

Acção (M12) O Capitão Solomon Kane é uma máquina mortal do séc XVI, brutalmente eficiente. Armado

Comédia (M12) Sessão dia 30 de Abril, às 21h30

olhar sobre o conflito no Médio Oriente. Um olhar a partir do interior da Faixa de gaza com uma narração directa sobre o acontecimento. Sessão dia 05 de Maio, às 21h30.

ABRANTES Comédia(M12) Jane, mãe de três filhos já crescidos, proprietária de um restaurante


36 CULTURAS

A Porta Errada

horóscopo carneiro 21/3 a 20/4

Frieza e impaciência serão fonte de conflitos. balança 24/9 a 23/10 Algumas atitudes mal compreendidas poderão

touro 21/4 a 21/5

Bastante intensidade no sector amoroso, dando lugar à expansão de sentimentos e a vivências com boas consequências presentes e futuras. Não se feche no seu mundo e não mergulhe em dúvidas. Os acontecimentos positivos na profissão tendem a suceder-se.

escorpião 24/10 a 22/11

Pense bem antes de expressar sentimentos. Os amores platónicos estão na ordem do dia, nada de pressas. É preciso ter bom senso e habilidade para chegar onde quer. Esta semana evite esbanjar energias. As coisas têm o seu ritmo e não lucrará em alterá-lo.

gémeos 22/5 a 21/6

Indícios de descontentamento podem levá-lo a comportamentos imoderados e até explosivos. Dê mas atenção às necessidades e razões dos outros. Precisa de fazer muito esforço para enfrentar os acontecimentos com bom senso. Não se meta em muitas despesas.

sagitário 23/11 a 20/12

A evolução durante os próximos dias depende das suas posições e atitudes, pois estará no centro dos acontecimentos. A semana é excelente para ir ao encontro dos outros e materializar desejos. Os resultados dependem sobretudo de si e do grau de empenhamento.

caranguejo 22/6 a 22/7

Podem surgir divergências de opinião, dúvidas e pressões que dificilmente conseguirá suportar. A sua vida sentimental tende a atravessar uma fase de definição. Fortes inquietações e indecisões, que deve combater o mais rapidamente possível.

capricórnio 21/12 a 20/1

Os sentimentos tendem a obter total correspondência. Acontecimentos afortunados quer estejam ligados a encontros, festas e momentos íntimos. Dará boa resposta às solicitações da semana, desde que programe com rigor o seu tempo de trabalho.

leão 23/7 a 23/8

Os sentimentos tendem a sofrer evoluções muito positivas e auspiciosas e, na maioria dos casos, com indícios de estabilidade. Obterá bons resultados se expressar abertamente sentimentos e desejos. O sector profissional é o menos favorecido esta semana.

aquário 21/1 a 19/2

Oscilações de humor ou sintomas de quebra física não chegarão para comprometer bons momentos, mas lembre-se que a paciência tem limites. A autoconfiança e os bons indicadores económicos confluem, abrindo boas perspectivas profissionais e económicas.

Não seja muito convencional ou inflexível e não entre em ou alimente discussões por orgulho ou amor-próprio. A definição de novos modos de vida está protegida. Acontecimentos do passado mal resolvidos devem ser no presente esclarecidos em definitivo.

peixes 20/2 a 20/3

Domingo,02 de Maio, 23h30

“Porta Errada” é um show num universo paralelo, um mundo fantástico governado pelas leis da comédia - e não pela natureza - onde os efeitos especiais vistos nos filmes e na TV fazem parte da vida quotidiana.Neste episódio, em virtude da experiência genética com armas biológicas ter dado errada, os cientistas criaram acidentalmente a criatura mais aborrecida do mundo que foge rapidamente. Entretanto, um robot de 50 pés chamando Xotang aterroriza Londres.

Vozes silenciadas Canal Odisseia Sexta-feira,30 de Abril,09h00

Porque durante anos e anos uma mulher suporta insultos, humilhações, golpes e até ameaças de morte? Porque não foge? Porque não denuncia a sua situação? Como é capaz de suportar tanta dor perante o olhar inocente dos seus filhos? Um documentário que retrata algumas vidas marcadas pelos maus-tratos domésticos. Mediante os testemunhos íntimos de Luz, com mulheres que vão tentar responder a algumas das questões que todos tentam saber as respostas.

sorte

virgem 24/8 a 23/9

22x2x111122x1 Super 14. Leiria - Sporting 1 : 1-1

totoloto 1 | 8 | 21 | 28 | 31 | 43 | 25

joker 3 .374 .089

loto2 1 | 13 | 25 | 38 |40| 48| 37 Estes resultados não dispensam a consulta da lista oficial do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

Não se deixe escravizar por ideias ou sentimentos. Deve ponderar bastante sobre o que está correcto e agir em conformidade. Poderá ser afectado por comportamentos instáveis e irregulares; mostre-se compreensivo. Revela algumas dificuldades profissionais.

4

7

2 5

1 1

8 4

2

Cathy Kelly PVP:16,50€ A loja Kenny’s, em Ardagh, é muito mais do que um espaço comercial, é o coração da vila onde vivem três mulheres cujas vidas estão prestes a mudar… Calorosa e envolvente, está é uma história sobre o amor, a amizade e os defeitos devastadores que os segredos do passado têm na vida de cada um.

CD Companheiros de aventura Tim PVP:12,99€ Companheiros de Aventura é o Quarto álbum de originais do Tim. Belíssimas canções, originais e fantásticas versões e ainda grandes amigos e companheiros que cantam e tocam com Tim: Rui Veloso, Vitorino, Mário Laginha e Celeste Rodrigues.

3

1

4 5

7 2

7

7

4 5 3

6

6 4

5

1 6

8 2

HORIZONTAIS: 1 - Era o Infante D. Henrique. 2 - Abarcam grupos sociais superiores. Onde se passa um terço da vida. 3 - Soldado americano. No meio da mina. Não telefone… Implica alternativa. 4 - Não se faz sem ovos. Lua de noivos. 5 - As colheitas em Roma dependiam desta deusa. Capital árabe. 6 - Fina no meio. Cataratas que separam os EUA do Canadá. 7 - Em pleno mote. É um fenómeno de interpenetração. 8 - A sua luz demora 8 minutos a chegar à Terra. Era a AR. Ilha de Cabo Verde. 9 - Futuro próximo. A hiena fá-lo. 10 - Sequiosas. Tem uma pinta. 11 Liberte. A branca também mata.

LIVRO Uma vez na vida

sudoku 9

7

6

9 7

5 8

1

9 6

3

5

7

1

Jacques Audiard PVP: 16,99€ Condenado a seis anos de prisão, Malik El Djebena não é capaz de ler nem escrever. Ao chegar à prisão aparenta ser mais novo e mais frágil do que os outros reclusos. Tem 19 anos. Rapidamente cai no enredo de um gang de prisioneiros Corsas, o que faz prevalecer a sua lei dentro da prisão. O jovem aprende depressa. No decurso das suas “missões”, fortalece-se e ganha a confiança dos elementos do grupo.

6

JOGO Pokémon SoulSilver

3

6 8

DVD Um Profeta

2

4

VERTICAIS: 1 - Onde os amigos devem estar à parte. 2 - Objecto da dietética e da nutrição. Em sete há dois. 3 - O que diz a testemunha ocular. Quase no centro da terra. Banda. 4 - Gás incolor que faz parte do gás de iluminação. Produzido pelas abelhas. 5 - Primeiro livro da Bíblia. No meio do manto. 6 - Cada tem dois. Romance de Marguerite Duras. 7 - Faz corar. 8 - Não tem a parte interior. Deslocavas-te. Unidade de sensibilidade. 9 - Bronzeava Cleópatra. Resultam de atracções lunares. 10 - Tem duas faces. Lavram a terra. 11 - Suporta a folha. Tira rugas.

HORIZONTAIS: 1 - Navegador. 2 - elites; cama. 3 - GI; in; vá; ou. 4 - omelete; mel. 5 Ceres; Riade. 6 - in; Niágara. 7 - ot; osmose. 8 - Sol; AN; Sal. 9 - amanhã; ri. 10 - sedentas; ás. 11 - solte; arma.

totobola

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

VERTICAIS: 1 - negócios. 2 - alimento; es. 3 - vi; er; lado. 4 - etileno; mel. 5 - Génesis; ant. 6 - as; Amante. 7 - vergonha. 8 - oca; ias; ASA. 9 - Rá; marés. 10 - moeda; aram. 11 - caule; alisa.

3 | 7 | 8 | 43 |46| 6 | 8

levar a rupturas. Antes de tomar decisões convém estar muito seguro e dar tempo a que os acontecimentos evoluam. Combata a estagnação com novidades.

palavras cruzadas Marcos Cruz - Rede Expresso

Concurso nº 172010

euromilhões

escaparate

Embora a intuição não o engane, será através de uma postura racional que conseguirá bons momentos. Tente novas aproximações. Casamentos, nascimentos e outros actos familiares estão facilitados. Semana fértil em acontecimentos e resultados.

RTP2

30 | Abril | 2010

A biblioteca municipal de Ferreira do Zêzere proporciona aos mais novos, um mês de Maio repleto de actividades. De 1 a 31 de Maio podem assistir a duas exposições que assinalam o Dia do Trabalhador e o Dia da Mãe, visionar todas as quartas-feiras filmes de animação, ouvir contos, assistir a espectáculos infantis e ainda ver a apresentação do livro “Emoções à Flor do Verso”, da autoria de Helena Pinto.

Soluções

televisão

O Ribatejo

Actividades na Biblioteca de F. Zêzere

9

8

5

9

7

1 4 5

Só há uma regra: completar a grelha, de modo a que cada linha, cada coluna e cada bloco de 3x3 incluam os números de 1 a 9, sem repetições!

DS PVP: 39,99€ Pokémon SoulSilver permite, enquanto jogador, interagir com os Pokémon para além do próprio jogo. O novo acessório Pokéwalker é um pedómetro exclusivo para o Pokémon HeartGold Version e para o Pokémon SoulSilver Version. Comunica com os jogos por infra-vermelhos e permite transferir qualquer Pokémon dos jogos para o Pokéwalker para continuar a aventura no mundo real.


38 COMERES & BEBERES | RESTAURANTES E ESPECIALIDADES SANTARÉM A GRELHA Especialidades Peixe Fresco, Bacalhau Assado com Magusto, Espetadas de Lulas com Gambas, Espetadas de carne Barrosã com Gambas e Ananás, Espetadas Mistas, Arroz de Feijoca, Bons Vinhos da Região Folga 2ª Feira Morada R. Ateneu Comercial, 1 r/c Esq. – Santarém Telefone. 243333348/ 243322636/ 917604488 ADEGA DO BACALHAU Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau assado com Magusto, Bife à Casa Folga Domingo Morada Travessa da Boleta, 2 e 4 (centro histórico) Santarém. Tel. 243306519964569837. QUINTAL DO BECO Especialidades Lulas fritas com camarão, Bife à Beco. Folga Domingo. Morada Beco dos Fiéis de Deus, nº 15, Santarém. Tel. 243391247. OH VARGAS Especialidade Comida Tradicional Folga Sábado (excepto para serviços marcados) Morada EN 3 - Portela das Padeiras - Santarém Tel. 243351146. O SALSA Especialidades Peixe Fresco, Carnes da Especialidade, Massinhas de Peixe, Açorda de Ovas Folga Domingo Aberto nos Feriados Morada EN 3 – Portela das Padeiras – Santarém Tel. 243351341 J F RESTAURANTE Especialidades Folhado de Perdiz, Bacalhau frito com Gambas e Coentros, Camarão com Risotto 3 queijos, Bifes do lombo, Cozinha Tradicional portuguesa Folga 3ª Feira Morada Jardim de Cima - Santarém Tel. 243302200 CASA CONDEÇO Especialidades Açorda de Bacalhau à Barrão, Molhinhos de Carneiro com Grão, Migas Ribatejanas c/ Bochechas de Porco Favas com Entrecosto Folga 2ª Feira Morada Rua do Alfageme, 41 – Ribeira de Santarém - Santarém Tel. 243326887 A CARROÇA Especialidades Bacalhau à Carroça; Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau à Brás, Carne de porco à Alentejana, Petiscos (amêijoas, moelas, pica-pau) - Aberto todos os dias Morada Rua Principal – Advagar - Achete Tel. 243478216 LUÍS DO LEITÕES Especialidades Leitão assado à Bairrada, Bacalhau à Lagareiro, Grelhados variados Folga 2ª Feira Morada Rua Teófilo Braga, 10 - Santarém Tel. 243332102 O BACALHAU Especialidades Borrego à Casa, Bacalhau à Lagareiro, Peixe Fresco Folga 3ª feira à tarde Morada Rua S. Tiago Tremez Tel. 243479196 TABERNA DO QUINZENA Especialidades: Magusto com Bacalhau Assado, Pato Assado no Forno, Cozido à Portuguesa, Cabrito Assado no Forno, Pernil de Porco e Naco de Toiro Bravo Avinhado Folga Domingo Morada Taberna I - Rua Pedro Santarém,93/95-SantarémTel.243322804 Morada Taberna II – Cerco da Mecheira, 20 - Santarém Tel. 243333110 ADEGA DOS SABORES Especialidades Cabrito Assado no Forno, Bacalhau assado com batata a murro, Polvo à Lagareiro. Folga 5ª feira e domingo ao Jantar. Morada Rua 25 de Abril, 27 – Casa dos PinheirinhosCasal da Charneca – Almoster – Santarém. Tlm 916845000 MINA VELHA Especialidades: Bacalhau Assado com Magusto, Bacalhau c/ Broa, Massa à Barrão, Bife à Mina Velha, Posta à Mina Velha. Folga : Domingo à Noite e 2ª Feira. Contacto 243 372 581. Morada : Urb. Quinta das Fontainhas – Santarém. Long. 08´42´20” O. Lat. 39´42´19” N O CANTINHO DA BELA Especialidades Bacalhau gratinado,

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

bacalhau à casa, ensopado de borrego, lombo assado com migas, coelho à caçador Folga Domingo Morada Estrada Nacional 3, Lote 3, Pernes Tel. 243 449 514.

SAL & BRASAS Especialidade: Carnes na brasa Folga 2ª feira Morada Cruzamento Monte da Barca - Coruche Tel. 243618319 PONTE DA COROA Especialidades: Cozinha regional e grelhados no carvão Folga Domingo Morada Estrada Nacional 114 Coruche Tel. 243617390

QUINTA DOS GRAVELHOS Folga 3ª feira Morada: Rua do Comércio, 58 - Moçarria Tel. 243499300 Tlm. 967062629 DOM TACHO Especialidades Ensopado de Enguias, Feijoada de Gambas, Mar e Terra Morada Rua Marquesa da Ribeira Grande 53, Vale de Santarém Tel. 243 761078. Aberto todos os dias.

ALPIARÇA TERTÚLIA Especialidades Ensopado de enguias, bacalhau com broa, bacalhau com favas, bacalhau (frito) à marialva, porco preto, borrego à moda de Alpiarça, costeletas de borrego, espetada de javali, alheiras (caça/ mirandesa), coelho com molho de coentros. Bons vinhos da Região e de outras regiões. Ementas personalizadas para grupos e ocasiões especiais. Abrerto todos os dias Morada Rua Engº Álvaro da Silva Simões, 108 - Alpiarça Tel: 243558588 Reservas 935587920. Site http//tertulia-rest-bar.hi5.com Email:bernardos.inv.hot@sapo.pt

O CANTINHO DOS SABORES Especialidade Bacalhau Assado com Açorda de Grelos Folga: Domingo. Morada Estrada Nacional 3, Alto do Vale, Vale de Santarém Tel. 243761268 TABERNA RENTINI Especialidades Cozinha Tradicional, Grelhados no carvão Morada Casais do Quintão - Perofilho, 2005-021 Várzea - Santarém Tel. 243499254 CHAFARICA DA TORRE Especialidades Carne de Vitela Maronesa, Bacalhau na brasa, Camarão Tigre, Raia com molho de alcaparras Folga Domingo Morada Praceta João Caetano Brás, 9 - S. Domingos - Santarém Telf. 243 372 649 - 96 6620790 O TASCO Especialidades Massa à Barrão, Bacalhau grelhado com Magusto, Bife à Tasco, Entrecôte com Migas, Carnes de Porco Preto grelhadas Folga Domingo Morada EN 3 – S. Pedro (frente à JAE) – 2005 Santarém Tel. 243302740 Tlm. 917062391 O BERNARDO Especialidades: Bacalhau no forno com Broa de Milho, Polvo no forno, Ensopado de Borrego, Cabrito no Forno e Lombos de Fataça Grelhados Folga: 2ªas Feiras Morada: Loja Nova – S. Vicente do Paúl Contactos: 243428388 Telemóvel 9918939656 O CANTINHO DO AVÔ Especialidades: Queixadas de Porco no Forno, Molhinhos com Feijão Branco, Cozido à Portuguesa, Feijoada à Transmontana, Secretos de Porco Preto, Magusto com Bacalhau Assado, Polvo à Lagareiro. Folga Domingo. Morada Rua Paulino da Cunha e Silva nº 121 – 2000-369 Alcanhões. Tel. 243428303 CONSTÂNCIA FALCÕES Especialidades: Troxas de Sta. Madalena, Bife na Pedra, Terra e Mar, Maçã Romana Folga: Terça-Feira Morada: Rua Luís de Camões, 33 Abrantes Horário: 12h10m ás 15h00m e das 19h30m ás 22h30m Telefone: 249 098 875 E-mail: restaurantefalcoes@gmail.com SALVATERRA PRETO & BRANCO Especialidades Bacalhau com natas, Porco Preto, Arroz de Pato, Enguias do Rio, Carne Mirandesa Folga 2ª feira Morada Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca, 144 - Salvaterra de Magos Tel. 263507858 - 918675981 CALIFÓRNIA Especialidades Enguias c/arroz de feijão, Ensopado de Enguias, Entrecosto Frito c/arroz de feijão, Vitela estufada, Chispe c/Feijão Branco. Serve Jantares. Fecha às terças. Telf: 263504643 . Foros de Salvaterra. O PINTO Especialidades Enguias fritas c/arroz de feijão, ensopado de enguias, polvo à lagareiro, Borrego à Alentejana. Fondue. Aberto todos os dias. Serve jantares. EN 118 KM54 – Marinhais ADEGA DA ROSA Especialidades Picanha, Bacalhau à Lagareiro, Chocos à Lagareiro, Espetada de lulas c/gambas, costeleta Mirandesa. Garrocheira – Foros de Salva-

terra; Telf: 263 507 240 CABANA DOS PARODIANTES Especialidades Bife à Patilhas & Ventoinha, Molhata de Enguias (caldeirada típica avieira). Pode encomendar Barretes, Bolo Rei e outras especialidades. Folga 4ªs feiras à tarde. Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca. Mail: cabana.eventos@gmail.com telf: 263504177 ; site: www.cabanadosparodiantes.com ESCAROUPIM Especialidades Enguias todo o ano, Açorda de Sável, Lampreia em época, Arroz de Bacalhau c/ Farinheira, Migas, Tarte de Perdiz Folga 5ª Feira e Domingo ao jantar Morada Largo do Avieiros - Escaroupim - Salvaterra de Magos Tel. 263107332 telemóvel: 912539228email:rest.o.escaroupim@ hotmail.com A CASINHA Especialidades Ensopado de Enguias, Enguias Fritas, Picanha, Plumas de Porco Preto, Alheira, Caça Grelhada Morada Av. Dr Roberto Ferreira da Fonseca 54 - Salvaterra de Magos Tel. 263504795 Aberto ao domingo durante o mês da enguia BARQUINHA

da Largo da Praça de Toiros, 1 A - Almeirim Tel. 243592528 O GALINHA Especialidades Sopa 3/1, Sopa da Pedra, Polvo à Lagareiro, Cozido à Portuguesa, Arroz de Tamboril, Massada de Cherne, Bife à Cortador Folga 3ª Feira. Aceita-se reservas para grupos Morada Rua Ilha da Madeira, 16 J - Almeirim Tel. 243579797 DAVID PARK Especialidades Arroz de Tamboril, Espetadas de Lombinhos c/ Gambas, Cozinha Tradicional, Peixe Fresco grelhado na Brasa Folga 4ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 15 - Almeirim Email: davidparkmail.telepac.pt. Tel. 243591475 SEPÚLVEDA Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Molhinhos c/ Grão, Entremeada de Vitela, Moelas estufadas c/ batata frita, Chocos e Grelhados Folga Não tem Morada Rua Vinha do Santíssimo, Bloco 32 - Almeirim Tel. 938732058 O FORNO Especialidades Sopa da Pedra, Peixe Fresco, Carne Porto Preto e Grelhados Folga 3ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 23 - Almeirim Tel. 243592916

ALMOUROL Especialidades Enguias, Sável e Lampreia Folga 3ª Feira Morada Tancos, Vila Nova da Barquinha Tel. 249 720 100. Mail: www.almourol.com

O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Carnes grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. 5 de Outubro, 115 - Almeirim Tel: 963458371

ABRANTES

CONSTANTINO DAS“ENGUIAS” Especialidades: Enguias Fritas, Ensopado, Grelhados no carvão Folga à 2ª Feira. Aceita reservas Morada Foros de Benfica – Benfica do Ribatejo Tel. 243589156

CRISTINA Especialidades Bacalhau c/Broa, Polvo à Lagareiro, Cherne c/molho de coentros, cabrito assado no forno, Arroz de Pato à Antiga, Perna de Borrego assada c/alecrim. Folga Domingo à tarde e 2ª feira Morada Rio Moinhos – Abrantes Tel. 241881177 Fax: 241881343 Email info@restaurantecristina.com Web www.restaurantecristina.com AVENIDA Especialidades Polvo a Lagareiro, Bacalhau a Braga, Pescada Gratinada com Camarão, Bifes da vazia à Portuguesa com Pimenta ou com Alho. Reservas para grupo e Serviço de Take Away pelo 968486613 - Karaoke aos Sábados Morada Av. Forças Armadas - Abrantes O FUMEIRO Especialidades Bife da casa, Fondue de Porco Preto, secretos com migalhana, Ovas na Brasa com Açorda de Ovas, Bacalhau à Fumeiro Folga Domingo Morada Rua do Pisco, 9 – Abrantes Tel. 938851963 Email restaurantefumeiro@clix.pt ALMEIRIM RETIRO DO CAMPINO Especialidades Sopa da Pedra, Grelhados no Carvão Folga 3ª Feira Mora-

CAMBÁIA Especialidades: Ensopado de Enguia e Enguias Fritas. Folga 4ª e 5ª feira (excepto feriados). Morada Rua do Campo da Bola - Foros de Benfica. Tel. 243580934 CARTAXO QG Folga 3ª feira Morada: Praça 15 de Dezembro,1-Cartaxo Tel.243499300 Tlm. 967062629 O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Costeletas e Mistas grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. Dr. Gomes da Silva (Sociedade Filarmónica Cartaxense) Cartaxo Telem: 963458371 TABERNA DO GAIO Especialidades Pratos Regionais e grelhados de peixe e carne. Jantares às sextas e sábados. Folga ao domingo. Estrada Nacional N3 - Cruz do Campo - Cartaxo. Telf: 243 759 883

TABERNA DO ALFAIATE Especialidades Bacalhau assado no forno com manja, Migas de bacalhau, Cabrito assado no forno, Naco de boi em vinho tinto com migas, Entrecosto de porco preto com arroz de feijoca, Porco preto assado no forno à padeiro. Folga Encerra às 2ª feiras e Domingos ao jantar. Morada Lapa, Cartaxo, telefone 243 790 005

GOLEGÃ CENTRAL Especialidades: Bife à Central com Molho à Brogueira, Entrecosto à Goleganense, Açorda de Sável- Sobremesa: Toureiros Telefone : 249976345 Morada : Largo Imaculada Conceição 3 a 8 - 2150-125 Golegã. Reservas@ cafecentral.pt www.cafecentral.pt O BARRIGAS Especialidades: Buffet de entradas regionais, fritada de camarão com açorda e naco de boi no carvão.Folga: Domingo ao jantar e 2ª feira Morada: Largo 5º Outubro, nº 55 e 56 – Golegã Contacto: 240 717 631 Site: www. obarrigas.com Outras info: Zona para fumadores CORUCHE Ó MANEL Especialidades: Espetadas do Toiro Bravo. Dobrada e mão de vaca. Sopa de Rabo de boi. Grelhados. Morada Rua de S Tomé, 4 – Bairro Novo. Tel. 243675878. Folga ao Domingo JAKIM GIRASSOL Especialidades: Bacalhau c/ Migas, Feijoada de Chocos c/ Gambas, Borrego assado no forno, Pernil de Porco no Forno, Arroz de Pato, Bacalhau gratinado c/camarões. Petiscos variados. Morada: Estrada Nacional 119 (Área de serviço Repsol) – Biscainho . Tel. 243660333 A TASCA Especialidades Pernil de porco no forno, cozido à portuguesa. Carne Brava Folga Domingo Morada Mercado Municipal – Coruche Tel. 243675232 O CHOUPO Especialidades Bacalhau à Choupo, enguias fritas e ensopado, medalhões de Maronesa, Posta Maronesa, Carnes de porco preto, cataplanas Folga 2ª feira (após almoço) Morada Montinhos dos Pegos (1 Km cruz. Monte da Barca) – Coruche Tel. 243618875. Tel. 917785703 O FARNEL Especialidades Bacalhau à Farnel; Bacalhau assado c/migas à moda de Coruche; cabrito frito à lavrador; migas de batata c/carne de porco; ensopado de borrego, grelhado de novilho bravo e porco preto na telha Folga 2ª feira Morada Sala p/banquetes no Monte da Barca. Rua Vasconcelos Porto – Coruche Tel. 243675436

RIO MAIOR MANJAR DO PARQUE Especialidades Leitão assado em forno de lenha, Picanha à Brasileira, Secretos de porco preto na brasa , Manjar de Gambas, Bacalhau Maravilha, Bife à Casa. Leitão assado para fora. Ementas para grupos Morada Rua Almirante Cândido Reis, 26 R/c (junto ao jardim) – Rio Maior Tel. 243997071 Email geral@manjardoparque.net PALHINHAS GOLD Especialidades Alheira de caça, Carne mirandesa, Porco preto com migas, Picanha, Bacalhau com crosta de azeitona, Tiborna de bacalhau, Caril de gambas, Arroz de tamboril, , Pão de Ló caseiro. Folga Domingo à noite e 2ª Feira. Morada Trav. do Palhinhas (centro da cidade) - Rio Maior Tel. 963435547. Site www.palhinhasgold. pt FÁTIMA SANTA RITA - Madeirense e Açoriano Especialidades: Bacalhau Espiritual, Bacalhau com camarão, Bacalhau Nove Ilhas, Bife de Atum; Alcatra, Linguiça do Pico, Secretos Porco Preto, Vitela. Morada: R. Rainha Santa Isabel (em frente ao Hotel Cinquentenário) Fátima. Tel. 249098041/919822288. Site: http://santarita.no.comunidades.net. Oferta de 5% de desconto com a apresentação deste jornal. MAÇÃO O GODINHO Especialidades Café – Restaurante. Cozinha Regional. Quarta-Feira: Cozido à Portuguesa. Serve Almoços e Jantares. Encerra ao Domingo. Telf: 241572874;tlm 962536310 Rua da Republica – Mação O CANTINHO Especialidades Restaurante Marisqueira; Especialidades: Arroz de Marisco, Cataplana de Cherne, Bife à Cantinho na Frigideira e Maranho de Mação.Almoços e Jantares.Aberto todos os dias.Telf: 241107558.Tlm: 964677705. Rua Monsenhor Alvares de Moura - Mação TORRES NOVAS O BABALHAU BRASAS Especialidades: Arroz de Pato, Cabrito no Forno, Camarão Flamejado c/manga, Peixe Fresco do Mar e Carne c/Qualidade. Folga ao Domingo à noite e Segunda. Ladeira da Enfermaria Militar, nº 21 – T Novas – Telf: 249183699. Reservas: 913125149


OPINIÃO | COMERES & BEBERES 39

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Nersant Situa-se este restaurante no complexo do Núcleo Empresarial de Santarém, em Torres Novas, rente à auto-estrada circundante. A sala é cálida, mesas bem aparelhadas, serviço operativo e simpático como tem de ser num Organismo defensor das empresas da Região. A lista de vinhos refere a existência de um nédio núcleo de produtores regionais, no referente a comeres a carta estende-se não ordenadamente por: entradas, saladas, peixes e mariscos, carnes e sobremesas. Uma advertência: apesar de conhecer este restaurante há alguns anos, ali ter tomado refeições nas quais apreciei pratos de grande qualidade como foi o caso de um ca-

Restaurante ∑ Torres Novas

brito assado no forno com arroz de miúdos, sem qualquer razão objectiva ou subjectiva nunca o trouxe às páginas deste jornal. Faço-o agora. Miminhos de entrada para fazerem boca onde avultavam pastelinhos de bacalhau com concentração do gadídeo, logo a seguir uma dobrada com feijocas amanteigadas, gordas ou obesas, numa confecção de grande nível, ou seja: escolha apurada dos ingredientes e temperança no fogo. Arroz branco para integrar na dobrada. Confesso a gula: repeti e voltei a repetir. Exactamente. Ainda degustei duas pequenas fatias do queijo de ovelha seco, mas logo a seguir chegaram os cafés e um esco-

cês de bom nível para complemente final da refeição. A lista entre outros pratos referia migas de feijão com bacalhau, açorda de gambas da costa portuguesa, massinhas em tacho de barro com gambas, o dito cujo cabrito assado e medalhões de novilho na grelha, iguarias que não altura não puderam ser objecto de conveniente atenção, mas o serão em próximas vezes. O restaurante NERSANT justifica plenamente o pequeno desvio, assim o leitor o queira. Armando Fernandes Estacionamento amplo. Aceita cartões de crédito excepto American Express. Tel. 249 820 804. Encerra ao domingos.

Quinta de Pancas Vinho tinto ∑ 2007 Em 1498, Vasco da Gama chega a Calecut, Cristóvão Colombo inicia a terceira viagem à América, a rainha Dona Leonor cria a Misericórdia de Lisboa, e segundo o contra-rótulo inserido na garrafa deste vinho existe o solar da Quinta de Pancas, mais o “terroir” de onde o vinho é produzido. Alguns séculos de existência, muita história de Portugal já pre-

senciou, algumas coisas podiam ser feitas no sentido do seu aproveitamento, importa agora falar deste tinto colheita de 2007. Resultado de uvas das castas Touriga Nacional, Alicante Bouschet e Cabernet Sauvignon, no copo limpidez e vitalidade, em matéria de aromas chegaram intensos ao nariz com indicações de fruta madura – ameixas, amoras

–, com um ténue fumado e torrado, enquanto que na boca mostrou amabilidade nos seus 13,5º. Bem saboroso, amplo e com um final duradouro. Um vinho estremenho cuja trajectória é de séculos está agora colocado no mercado debaixo da designação de Lisboa. Coisas do marketing. A. F.


40 ADVOGADOS SANTARÉM A Dr. José Francisco Faustino; Drª. Cristina Alvarez; Dr. João Rafael; Dr. Pedro Goulão; Dr. Pedro Matos Barbosa; Dr. Francisco Lopes Leitão - Rua Capitão António Montez, 10 – Santarém - Tel. 243327159 Fax 243327160 - adv.santarem@mail. telepac.pt A Oliveira Domingos - Largo Cândido dos Reis, 3 -1º - Santarém Tel. 243326310 - Fax 243333587 oliveiradomingos-161e@adv.oa.pt A Sandra Alexandre - Rua do Colégio Militar, 10 - 2º esq. - 2000-230 Santarém - Telef./Fax: 243 322 268 A Dr. Francisco Antunes Luís - Av. D. Afonso Henriques, 89 - 2º Dtº - Santarém - Tel. 243321024/ 243321426 - Fax 243321425 advogados.s@mail.telepac.pt

O Ribatejo 30 | Abril | 2010 A Drª Margarida Lencastre Fróis - Praça Sá da Bandeira, 22 – 1º Santarém - Tel. 243325178 Fax 243325178 - margarida.lencastre@ gmail.com A Drª Cristina Saldanha - Av. D. Afonso Henriques, 67 – 1º Esq – Santarém - Tel. 243323019 Fax 243333414 - cristinasaldanha1531e@adv.oa.pt A Dr.º Martins Carreto - Rua Dr. António José de Almeida, 17-2º Dto - 2000-238 Santarém - Telefone 243333519 Fax 243326531 e-mail: artinscarreto-1078C@adv.oa.pt A Dr.ª Helena Marques Duarte - Rua Pedro de Santarém - 2 – 2º A - Tel. 243 352 407 – Fax. 243 352 409 - 2000-223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) - hmduarte-16362l@adv.oa.pt

A Dr. Morgado Ribeiro - Av. do Brasil – Edifício Scálabis, 1º Esq – Santarém - Tel. 243323143 Fax 243326144 - morgadoribeiro-185e@ adv.oa.pt

A Drª Ana Sofia Casebre - Rua Dionísio Saraiva, Lote 1 – 1º Andar – Porta A – Almeirim - Tel. 243579134 Fax 243579134 TLM 936280534 A Dr. Sérgio Luís Coutinho dos Santos - Praça da República, 18 A 1º - Apartado 61 – 2080-044 Almeirim Tel. 2435991172 - Fax 243593224 sergiosantos - 365e@advogados.oa.pt A Dr. Vítor Sousa - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626

A Dr. Pedro Borrego - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim -Tel. 243570091 Fax 243570099 - pedroborrego-2083e@ adv.oa.pt A Drª América Cravo - R. Dr. Óscar da Costa Neves, 8 - 1º - 2080-130 Almeirim - Tel. 243597946/8 Fax 243597947 - americacravo-855e@ adv.oa.pt A Drª Sónia Bento - Praça da República, 29 - 1º Esq.º - 2080-044 Almeirim - Tel. 243372159 Fax 243597999 sbentompires.adv@gmail.com

ADVOGADOS Av. 5 de Outubro, Nº 77, 3º Dtº - 1050-049 LISBOA Tel. 213 172 720 Fax. 213 172 729

ABRANTES

CARTAXO

A Mário P. Claro - Célia Cruz Rua Luís de Camões nºs 9 - 11, 1º Esq., 2200-421 Abrantes Tel 241 379 090 - Fax.: 241 363 364; Trv. da Batoca, 6 - 2140-149 Chamusca; Tel/fax: 249 760 058 E-mail: mclaro.ccruz.spa@mail. telepac.pt

A Drª Liliana Pita - R. Dr. Manuel Correia Ramalho, 9 – 2º Esqº - 2070095 Cartaxo - Tel 243703631 Fax 243703631- lilianapita-18943l@ adv.oa.pt

A Norberto Timóteo - Advogado Praceta do Chafariz, Lote 6- 1º Esq. - Apartado 93 - 2204-909 Abrantes; Tel.: 241 363 484; Fax: 241 365 234; Email: norbertotimoteo-169e@ advogados.oa.pt A Eurico Consciência & Associados - Abrantes - Apartado 37 Tel: 241372831 /2/3 - Fax: 241362645 - E-mail: consciencia-839c@adv.oa.pt A António Pires de Oliveira - Rua de Santa Isabel, nº 1- 1º Dto. 2200-393 Abrantes Tel.: 241 360 540 - Fax: 241 372 481 E-mail: dr.a.oliveira-355e@adv.oa.pt - Cédula Prof. 355 Évora

Armando Ferreira

A Drª Ana Fonseca e Silva - Praça 15 de Dezembro, 23ª - 2º A – 2070049 Cartaxo - Tel. 243704323 Fax. 2437074328 - anafonsecaesilva1002e@advogados.oa.pt

LISBOA A Albertino Antunes - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa Tel. 213172720 Fax. 213172729 A Alexandre Oliveira - Telem.: 969 239 263 - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa - Tel. 213172720 - Fax. 213172729

ADVOGADOS    

Eurico Heitor Consciência Rui Roboredo Consciência João Roboredo Consciência Teresa Roboredo Consciência

   

Normando Sérgio Rita Teimão Figueiredo Fernando Zuzarte Saraiva Helena Marques Duarte

ABRANTES: Rua de S. Domingos – 336 – 2º A – Apart. 37 Tel. 241372831/2/3 – Fax 241362645 – 2200 – 397 ABRANTES PONTE DE SOR: Rua Vaz Monteiro – 19 – 1º andar Tel. 242207319 – Fax 242203335 – 7400 – 281 PONTE DE SOR SANTARÉM: Rua Pedro de Santarém – 2 – 2º A Tel. 243352407 – Fax 243352409 – 2000 – 223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) LISBOA: Rua Braamcamp – 52 – 9º Esqº Tel. 213860963 – 213862922 – Fax 213863923 – 1250 – 051 LISBOA

assinatura anual por apenas 25 €

Francisco Pedrógão

A Drª Rute Nunes - Rua Dr. Lopes Batista, 5 B -1º E – Cartaxo TLM 914177635 Fax 243120102 - rute.nunes@apoiojuridico.com - www.apoiojuridico.com

MADEIRA LOPES FRANCISCO MADEIRA LOPES

ADVOGADOS

ADVOGADOS

Av. do Brasil - Edifício Scalabis - 1º F Tef.: 243326242 2000 SANTARÉM

A Drª Ana Gomes Ribeiro - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570093 Fax 243570099 - anagomesribeiro2104e@adv.oa.pt

Tel.: 243323700 - Fax: 243332994 Rua Elias Garcia, 24 - 1º Apartado 173 2001-902 Santarém

Tel: 243 328 444 - Fax: 243 391 079

ADVOGADOS

A Drª Ana Oliveira Simões - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570092 Fax 243570099 - anaoliveirasimoes2078e@adv.oa.pt

Telem.: 969 239 263

Travessa do Fróis, 3 - 1º e 2º

ANA MARTINHO DO ROSÁRIO ISABEL ALVES DE MATOS VICTOR BAPTISTA

A Dr. Adriano de Melo Nazareth Barbosa - Praça da República, 29 – 1º Esq. – Almeirim - Tel. 243597997/8 Fax 243597999

ALBERTINO ANTUNES ALEXANDRE OLIVEIRA

SOCIEDADE DE ADVOGADOS, RL

2000-145 SANTARÉM

A Dr. Manuel Faustino Silva - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626 - faustino-1239e@adv.oa.pt

A Drª Célia Sousa Pinhal - Praça Lourenço de Carvalho, 12 A 1º 2080-043 Almeirim - Tel. 243593737 Fax 243593737 TLM 966110936 Celiasp-1498e@adv.oa.pt

ORLANDO MENDES TERESA PINTO FERREIRA

E-mail: orlandomtpf_socadv.rl@mail.telepac.pt

ALMEIRIM

Pcta. Pedro Escuro n. 2 1.º Esq. Telef.: 243333821 Fax: 243391021 2000 SANTARÉM

E.Mail: consciencia-839c@adv.oa.pt

Visite o nosso Site: advogadosabrantes.com

FARMÁCIAS DE SERVIÇO SANTARÉM Sexta

30 Helena

ALMEIRIM R. Dr. Jorge Sena, 12 - Alto do Bexiga 243 420 214

Sexta

30 Correia de Oliveira

TORRES NOVAS Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Sexta

30 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

Sábado

1 Flama Vitae

Pç. Sá da Bandeira, 4 e 5

243 322 195

Sábado

1 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Sábado

1 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Domingo

2 Baptista

Rua Serpa Pinto, 101/3

243 322 072

Domingo

2 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Domingo

2 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Segunda

3 Veríssimo

R. Capelo Ivens, 74

243 330 230

Segunda

3 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Segunda

3 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

Terça

4 S. Nicolau

R. Capelo Ivens, 38

243 325 067

Terça

4 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Terça

4 Lima

Av. de Sá Carneiro, Lote 7

249 822 067

Quarta

5 Francisco Viegas

Rua Pedro Santarém, 2-A

243 330 570

Quarta

5 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Quarta

5 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

243 326 182

Quinta

6 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Quinta

6 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

Sexta

7 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Sexta

7 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Rua da Misericórdia

243 675 070

Quinta

6 Oliveira

Rua Colégio Militar, 1

Sexta

7 Pereira

Av. Grup. Forcados Amadores St - 8 243 325 113

TOMAR Sexta

CORUCHE

ALPIARÇA

30 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Sexta

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Sábado

1 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Sábado

30 Aguiar 1 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Domingo

2 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Domingo

2 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Segunda

3 Misericórdia

Rua Infantaria, 15, Nº 9

249 312 465

Segunda

3 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Terça

4 Torres Pinheiro

Rua Serpa Pinto, 27-33

249 312 206

Terça

4 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Quarta

5 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Quarta

5 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Quinta

6 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Quinta

6 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Sexta

7 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Sexta

7 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Sexta

30 Higiene

Sábado

1 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Domingo

2 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Segunda

3 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Terça

4 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

Quarta

5 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Quinta

6 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Sexta

7 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

SALVATERRA DE MAGOS ABRANTES Sexta

30 Santos

CARTAXO Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Sexta

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Sábado

Sexta

30 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 770 997

1 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Domingo

2 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

Segunda

3 Abílio Guerra

Rua de S. Sebastião, 3

30 Abril Carvalho Sábado a Sexta 1 a 7 Maio Martins

Sábado

1 Silva

Domingo

2 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Segunda

3 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Terça

4 Duarte Ferreira

R. Tenente Cor. J. B. Camejo, 13

241 333 222

Terça

4 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 770 997

Quarta

5 Motta Ferraz

Largo Mota Ferraz, 7

241 360 520

Quarta

5 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Quinta

6 Santos

Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Quinta

6 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

Funciona 9 às 22 h

Sexta

7 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Sexta

7 Abílio Guerra

Rua de S. Sebastião, 3

Assegura serviço durante a noite Martins

243 702 653

243 702 653

R. Dr. Gregório Fernandes, 20/2 263 504 451 R. Heróis de Chave

263 504 319

RIO MAIOR Sexta

30 Abril Almeida R. Almir. Cândido dos Reis, 19 243 992 255 243 994 700 Sábado a Sexta 1 a 7 Maio Cândido Barbosa Rua Serpa Pinto, 50

BENAVENTE Baptista

Av. Dr. Francisco S. Dias, 8, 1º 263 580 108 R. do Diário de Notícias, 9-r/c

263 517 633


D Vivência concentracionária

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

saúde

41

Goste-se ou não, nas sociedades contemporâneas convivemos com o paradoxo de exaltar a realização pessoal e o triunfo do indivíduo depositando os velhos nos chamados lares ou residências ou casas de repouso que aliviam a consciência dos mais novos, os que andam a cuidar da realização pessoal.

Coisas alucinantes que os velhos efabulam A Máquina de Fazer Espanhóis ∑ Um romance de Valter Hugo Mãe sobre a vida num lar da feliz idade Valter Hugo Mãe é um escritor que se impôs como nome saliente e promissor da sua geração. Dois livros, O Remorso de Baltazar Serapião e o Apocalipse dos Trabalhadores, atiraram o seu nome para a ribalta: ele é um caso muito sério na literatura portuguesa. Agora comprovado com “A Máquina de Fazer Espanhóis” (Alfaguara, 2010), romance passado num lar. António da Silva é confrontado aos 84 anos com a morte da sua mulher, Laura. O Sr. Silva vai descobrir a dor incontrolável, o sofrimento sem nenhuma direcção, tal como a zanga por haver gente que vive, indiferente à partida da Laura. É um viúvo sem préstimo? Ala que se faz tarde, puseram-no num lar com dois sacos de roupa e um álbum de fotografias, mais uma imagem de Nossa Sr.ª Fátima, disseram-lhe que havia de ganhar um credo religioso, com o tempo.

O lar da feliz idade é um campo pejado de minas, o Sr. Silva não sabe onde pôr os pés, há silêncios, há velhos para ele ainda estranhos, há a burocracia das refeições. É um lar destinado a 73 pessoas. Só se sai dali para onde a gente sabe. Descrito cruamente, é frequente que o novo inquilino seja inicialmente rejeitado, ainda há saudades do outro, quem ali entra também traz essa culpa. No lar da feliz idade há um excelente paramédico, de nome Américo, é solícito e tem outras vantagens: “não é habilitado por escola nenhuma senão pela do coração. estudou pela amizade e compaixão os modos de acudir aos outros. faz no lar o que fazem os enfermeiros também, mas com um acréscimo de entrega que não se exigiria”. Com a dor a ser alvo de controlo, o Sr. Silva filosofa: “um problema com o ser-se velho é o de julgarem que ainda deve-

mos aprender coisas quando, na verdade, estamos a desaprendêlas, e faz todo o sentido que assim seja para que nos afundemos inconscientemente na iminência do desaparecimento. a inconsciência apaga as dores, claro, e apaga as alegrias, mas já não são muitas as alegrias e no resultado da conta é bem visto que a cabeça dos velhos se destitua da razão para que, tão de frente à morte, não entremos em pânico”. A filha do Sr. Silva, a Elisa, começa a visitar o pai neste lar da feliz idade, é escorraçada por um pai inconformado. No lar ocorre uma tragédia, aparecem manchas de sangue, vem a polícia, admite-se crime, os velhos andam numa roda-viva: “parecíamos putos nos livros de aventuras em colégios internos”. “A Máquina de Fazer Espanhóis” é um livro gigantesco, do melhor que tem aparecido nos últimos anos. Afinal, há mais li-

teratura daquela que Saramago, Lobo Antunes ou Mário de Carvalho escrevem. Há a D. Leopoldina, há o Sr. Esteves que conheceu o Fernando Pessoa e que inspirou o poema “A Tabacaria”, há o Sr. Silva da Europa e até o Sr. Anísio Franco que fora conservador do Museu Nacional de Arte Antiga e vivia no seu quarto cercado de arte. O lar da feliz idade permite doces recordações a este Sr. Silva que foi barbeiro e que viveu habitualmente como ordenara Salazar. As mortes vão-se sucedendo, novos inquilinos aparecem, é assim que entra no livro o Sr. Enrique, um tipo de Badajoz que se naturalizara português, trouxe novos estímulos à vida do lar. É nisto que descobrimos que o mundo dos velhos é, nem mais nem menos, o nosso mundo e muito menos no fim da linha que possamos supor: no lar da nos-

sa vida há espanhóis que justificam o nosso orgulho português, há angústias, há gente birrenta, há os senhores Américos, há os nossos filhos que se embaraçam com a nossa velhice, com os 80, 90 e 100 anos pregamos partidas uns aos outros, namoramos, definhamos ou guardamos sonhos; há os terrores nocturnos, são supostas vozes delirantes, choramos e rimos, abraçamos a companhia, há uma D. Glória do Minho que só namorou uma vez na vida e não quer perder a oportunidade de experimentar um louco amor. O nosso mundo é este imprevisto de ganharmos força para enganar a morte. Valter Hugo Mãe enriqueceu a literatura portuguesa com esta narrativa poderosa, com este lar inesperado e com o Sr. Silva português que nos rodeia e nos olha ao espelho. Beja Santos

CONSULTÓRIOS MÉDICOS DO JARDIM Praça da República, Nº 47 - 1.º - ALMEIRIM Junto à Farmácia Barreto do Carmo MEDICINA GERAL E FAMILIAR Dr.ª Emanuela Santos Andrade Dr. Generoso Barbosa Dr.ª Anabela Xavier de Basto PSIQUIATRIA Dr.ª Joana Alexandre Dr. João Chambel CARDIOLOGIA Dr.ª Marisa Peres NEUROCIRURGIA Dr. Rui Bello Silva PSICOLOGIA Dr.ª Sandra Silva Dr. Ricardo Luciano (Avaliação Psicoterapia c/ crianças) ENDOCRINOLOGIA Dr. Carlos Fernandes PEDIATRIA Dr.ª Teresa Barracha Dr. Nuno Carvalho GINECOLOGIA/OBSTETRÍCIA Dr.ª Patrícia Silva Dr.ª Graça Marona Dr. Pedro Rocha (HDS) Dr.ª Lucília Gaspar (HDS) PODOLOGIA Dr.ª Sandrina Fortunato

UROLOGIA Dr. António Oliveira ORTOPEDIA Dr. Joaquim Simões CIRURGIA VASCULAR Dr. Edgar Berdeja FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA Fisioterapeuta Alexandra Claudino PNEUMOLOGIA Dr.ª Paula Cravo IMUNOALERGOLOGIA Dr. Abreu Nogueira DIETISTA/NUTRICIONISTA Dr.ª Susana Brites/Dr.ª Helga Marques NATUROPATIA/ /HOMOTOXICOLOGIA Dr. Jaime João Tavares TERAPIA DA FALA Terapeuta Dora Colaço SERVIÇOS DE ENFERMAGEM Enf.ª Ana SHIATSU Drª Mª Rosário Salavessa ELECTROCARDIOGRAMAS Com Técnico Especializado CTG - Grávidas Holter - 24 h Mapa (Tensão Arterial)

Acordos com ADVANCE CARE; MULTICARE e MÉDIS ANÁLISES CLÍNICAS - com todos os acordos

MARCAÇÕES

Tel 243 593 422 Tlm 969 902 195

Terapeuta Osteopata

Dr. A. JÚLIO SILVA

Rui Leite

Médico Especialista ORTOPEDIA

INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

(Centro Clínico do Choupal) R. Capitão António Montez, 4-A • Tel. 243326935 • SANTARÉM

Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243 327 546 - 2000 SANTARÉM

Ceficarte

CENTRO DE FISIOTERAPIA DO CARTAXO

MARCAÇÕES: Tlm.: 919 612 454 • Tel./Fax: 243 702 311 Av. João de Deus, n.º 10 r/c • 2070-011 Cartaxo

Dr. ARMANDO RODRIGUES LOPES

OSTEOPATIA


42 SAÚDE

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

CENTRO AUDITIVO WIDEX Audiologia  X  X  X X

Dr.ª Odete Batista Diagnóstico (adultos e crianças) Reabilitação Auditiva (Próteses Auditivas) Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Cerebral (PEATC) Protectores de Natação

Cardiopneumologia X

Dr.ª Patrícia Branco

Estudo do Sono

Acordos: CGD, SAMS, PT, Médis, Advance Care e Mondial Assistance Horário: 13.00 às 20.00 horas

Largo Cândido dos Reis, 14 - 1.º Esquerdo • 2000-241 Santarém Tel.: 243 391 547 • Fax: 243 391 549 • E-mail: audioteste@netcabo.pt

Drª MADALENA BARRETO INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243327546 - 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ LUÍS P. BARRETO UROLOGISTA Pela Ordem dos Médicos DOENÇAS DOS RINS, VIAS URINÁRIAS E APARELHO SEXUAL MASCULINO

F. RIBEIRO DE CARVALHO CIRURGIÃO PLÁSTICO Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética Cirurgia Estética e Reconstrutiva da Mama Cirurgia do Contorno Corporal Cirurgia Estética Facial Surgimed Pcta. Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6 - r/c SANTARÉM Marcações pelo Tel: 243 30 57 80

CONS. - SURGIMED

Pr. Eduardo Rosa Mendes n.º 6 R/C - Telef.: 243305780 2000 SANTARÉM

Dr. Martinho do Rosário

Médico de Urologia CONSULTAS 2ªs, 4ªs e 6ªfeiras a partir das 15 h. MARCAÇÕES todos os dias, a partir das 15 h. SANTARÉM

Dr. Rui Castro

Rua José Saramago, 17 Telef.: 243327431 - 2005-185 SANTARÉM

DRA. MARISA PERES MÉDICA CARDIOLOGISTA

Médico Especialista de Clínica Geral

Consultas e Exames de Cardiologia

CLIMECO - Clínica Médica de Eduardo Lopes

CONSULTÓRIO:

Santarém: GFS: 243 328 890 IMS: 962 567 961

Oftalmologia Dr. Eduardo Lopes

Rua José Saramago, 17-1º (edifícios atrás do Banco de Portugal)

Telef. e Fax: 243 327 431

Almeirim: Clínica do Jardim: 243 593 422

Telemóvel: 917 770 678

Enfercentro: 243 579 601

CONSULTAS E MARCAÇÕES DIÁRIAS

Aveiras de Cima: Centro Médico de Aveiras: 263 474 976

Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Oftalmologia Pediátrica Drª Cristina Amorim Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Ortóptica Dr. Alfredo Sousa - Drª Ana Ascensão Neurocirurgia Dr. Bello da Silva Acordos c/ Multicare

Neurologia Drª Adelaide Palos Dermatologia Drª Maria João Reumatologia Drª Manuela Micaelo Acordos c/ Multicare

Psicologia Drª Sandra Silva - Drª Isabel Baptista Medicina Interna Dr. Victor Bezerra Nutrição Drª Susana Rodrigues MARCAÇÕES PELO TELEFONE 243 328 303 Rua Colégio Militar, Lt. A - 1º Esquerdo (junto ao antigo Campo dos Leões) 2000 SANTARÉM


SAÚDE 43

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

Júlio Aranha Cardiologista

Consultas de Cardiologia Ecocardiograma M e 2D Ecocardiograma com doppler e côr ECG Holter de 24 horas Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial Electrocardiograma EXAMES EFECTUADOS NO CONSULTÓRIO E AO DOMICÍLIO SANTARÉM - Tel. 243 327 431 RIBACLÍNICA - CHAMUSCA - Tel. 249 760 031

CENTRO CLÍNICO DO CHOUPAL MED. FÍSICA E REABILITAÇÃO CONSULTAS

Fisiatria (Dr.ª Helena Martins) (Dr. José Miguel Pais) Ortopedia (Dr. A. Júlio Silva) Psicologia (Dr.ª Elsa Couchinho) (Dr.ª Teresa Molina) Clínica Geral e doenças do Coração (Dr.ª Liliana Aleksandrov)

Drª ISABEL MONTEIRO Médica Cardiologista

OTORRINO

DR. FLÁVIO DE SÁ CHEFE DO SERVIÇO HOSPITALAR DE OTORRINO PEDIÁTRICO

ACORDOS FISIOTERAPIA: ADSE, ADMFA, ADMA, C.G. DEPÓSITOS, CTT, SAMS, TELECOM e SEGURADORAS R. Capitão António Montês, 4-A (Rampa Ciclistas) Tel. 243326935 - Fax: 243326935 2000 SANTARÉM

• Otorrino (crianças) • Otorrino Geral • Alergologia • Terapia da Fala • Exames de Audição • Endoscopia • Cirurgia Pediátrica e Geral • Doenças do Saco Lacrimal

DR. JOSÉ BRANCO

TODOS OS DIAS DAS 9.00 - 20.00 horas R. Dr. António José de Almeida, n.º 11 - 2.º Esq.º Tel./Fax 243 329 010 - SANTARÉM

PSICÓLOGO CLÍNICO E PSICOTERAPEUTA MEMBRO FUNDADOR DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PSICOTERAPIAS CONSTRUTIVISTAS

• Consultas de Cardiologia • Electrocardiogramas

www.sppc.org.pt

• Ecocardiogramas Modo M, 2D e Doppler a cor • M.A.P.A. (Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial)

LISBOA: CLÍNICA MOVIMENTO E SAÚDE R. JOSÉ FALCÃO 52, 2º F

Rua Dr. António José de Almeida, nº 11, 4º Dt.º 2000 - SANTARÉM

ALVERCA: R. CIDADE DÉVNIA, 21, 2º, DTO

Telef. 243 326 957 INFORMAÇÕES E MARCAÇÕES: 961 285 155

Sílvia Lencastre Fróis Psicóloga Clínica

Surgimed

Psicologia Clínica e Psicoterapia Marcações pelo tmóvel -

918 732 116

Santarém • Coruche • Rio Maior

CENTRO MÉDICO E DE ENFERMAGEM DE ABRANTES

JOSÉ MANUEL PIRES TEIXEIRA

Largo de S. João, N.º 1 - Telefones 241 371 566 - 241 371 690

MÉDICO ESPECIALISTA - GINECOLOGISTA / OBSTETRA ASSISTENTE HOSPITALAR GRADUADO do HOSPITAL DE SANTARÉM DOENÇA DA MAMA - DIPLOMADO e MASTER em Senologia / / Pat. Mamária pela F. de Medicina da Un. de Barcelona CONSULTÓRIO NA CLÍNICA “FERRO DE ENGOMAR” Rua do Quintino, 9 - A - Tel.: 243770939 - CARTAXO

CONSULTÓRIO DENTÁRIO - Nova morada -

DR. MARCÃO Médico especialista de ESTOMATOLOGIA (Doenças da boca e dentes) pela Ordem dos Médicos e pelo Hospital de Santa Maria

CLÍNICA - CIRURGIA - PRÓTESES DENTÁRIAS CONSULTAS TODOS OS DIAS Largo Cândido dos Reis, 11 - 1º Direito (junto à rotunda do hospital velho) Telef: 243 326 435 - 2000 SANTARÉM

C O N S U LTA S ACUPUNCTURA Dr.ª Elisabete Alexandra Duarte Serra ALERGOLOGIA Dr. Mário de Almeida; Dr.ª Cristina Santa Marta CARDIOLOGIA Dr.ª Maria João Carvalho CIRURGIA Dr. Francisco Rufino CLÍNICA GERAL Dr. Pereira Ambrósio - Dr. António Prôa DERMATOLOGIA Dr.ª Maria João Silva GASTROENTERELOGIA E ENDOSCOPIA DIGESTIVA Dr. Rui Mesquita; Dr.ª Cláudia Sequeira MEDICINA INTERNA Dr. Matoso Ferreira NEFROLOGIA Dr. Mário Silva NEUROCIRURGIA Dr. Armando Lopes NEUROLOGIA Dr.ª Isabel Luzeiro; Dr.ª Amélia Guilherme

POR

MARCAÇÃO

OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA Dr.ª Lígia Ribeiro, Dr. João Pinhel OFTALMOLOGIA Dr. Luís Cardiga ORTOPEDIA Dr. Matos Melo OTORRINOLARINGOLOGIA Dr. João Eloi PNEUMOLOGIA Dr. Carlos Luís Lousada PROV. FUNÇÃO RESPIRATÓRIA Patricia Gerra PSICOLOGIA Dr.ª Odete Vieira; Dr. Michael Knoch; Dr.ª Maria Conceição Calado PSIQUIATRIA Dr. Carlos Roldão Vieira; Dr.ª Fátima Palma UROLOGIA Dr. Rafael Passarinho NUTRICIONISTA Dr.ª Carla Louro SERVIÇO DE ENFERMAGEM Maria João TERAPEUTA DA FALA Dr.ª Susana Martins

Anat.Patológica Dra. Margarida Mendes

Endocrinologia Dr. Luís Raposo

Ortopedia Dr. Duarte Cadavez

Cir.Geral/Obesidade Dr. Joaquim Costa

Gastroenterologia Dr. Júlio Veloso

Otorrino. Dr. Flávio de Sá

Cirurgia Plástica Dr. Ribeiro de Carvalho

Medicina Interna Dra. Luísa Wandschneider

Pneumologia Dr. Marco da Costa e Silva

Cirurgia Vascular Dr. Mário Soares Clínica Geral Dra. Hélia Castro Dr. Benjamim Coimbra Dermatologia Dra. Joana Parente Dietética Dra. Célia Dias

Neurocirurgia Dr. Carlos Calado

Psicologia Dra. Elsa Martins Dr.João Paulo Ribeiro Dra. Cátia Lima

Neurologia Dr. Jorge Becho

Psiquiatria Dr. Vítor Henriques

Neuropsicologia Dr. Nuno Pestana

Reumatologia Dr. Teixeira Costa

Oftalmologia Dr. Juan Palomares Dr. Castela Rodrigues

Urologia Dr. Luís Barreto Dr. Luís Costa

Exames Complementares e Outros: • • • • • • •

Endoscopia Digestiva Alta Colonoscopia Fibrorectosigmoidoscopia Polipectomia Endoscópica Citologia Aspirativa Urofluxometria E.C.G.

• Trat. varizes (esclerose e laser) • Sedação profunda c/apoio de Anest. p/ exames endoscópicos • Laser Cirúrgico • M.A.P.A. • Holter 24 horas • Polisonografia em ambulatório

Marcações das 9:00 às 19:00 de 2ª a 6ª Feira Telef: 243 305 780 Fax: 243 305 781 Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6-r/c 2005-174 SANTARÉM Email: surgimed@mail.telepac.pt


44 PUBLICIDADE | SERVIÇOS

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

CRÉDITOS PAU LO N I ZA assinatura anual

por apenas 25 €

* CRÉDITO RÁPIDO P/ INÍCIO DO SEU NEGÓCIO Taeg desde 7,00%

* CRÉDITO PESSOAL COM POSSIBILIDADE ASSINATURA DE 1 SÓ TITULAR, SE CASADO Taeg desde 12,04%

* CRÉDITO CONSOLIDADO S/ HIPOTECA C/ REDUÇÃO ATÉ 50% DO ENCARGO MENSAL Taeg desde 12,49%

* CRÉDITO COM GARANTIA DO SEU AUTOMÓVEL E NEGÓCIOS AUTO ENTRE PARTICULARES Taeg desde 18,52%

* LINHAS DE CRÉDITO C/ APOIO DO ESTADO

P/ INÍCIO DO SEU NEGÓCIO E REESTRUTURAÇÃO DE DÍVIDAS EM EMPRESAS JÁ EXISTENTES Taeg desde 2,50%

* CRÉDITO HABITAÇÃO E TRANSFERÊNCIAS COM REDUÇÃO DA SUA PRESTAÇÃO MENSAL E POSSIBILIDADE DE TAXA FIXA ATÉ 7 ANOS Taeg desde 5,1994%

* CRÉDITO CONSOLIDADO C/ HIPOTECA MESMO P/ PESSOAS COM PROBLEMAS BANCÁRIOS, Redução até 60% da prestação mensal Taeg desde 6,509%

www.pauloniza.pt Urb. Vila das Taipas. Lt.4 – r/c Drt. 2080-067 Almeirim E-mail: geral@pauloniza.com

Telf.: 243 579 296

Telm. 938 879 678

Comunica-se que no próximo dia 02 de Maio de 2010 (Domingo), prevê-se o corte de corrente nos locais e períodos abaixo mencionados: DRC TEJO Concelho de Tomar Freguesia de Tomar (S. João Baptista): Rua Ant. Joaquim Araújo, Av. Combatentes Grande Guerra, Rua Coronel Ant. Aparício, Rua Dr. Joaquim Ribeiro, Av. Gen. Bernardo Faria, Rua João Oliv. Casquilho, Av. Nuno Álvares Pereira, Trav. Padrão, Rua 10 de Agosto de 1385. (das 07:00 às 12:00 horas) Nota: Devido a situações imprevistas, os trabalhos poder-se-ão prolongar até às 15:00 horas. Por motivos de segurança e dado poder haver necessidade de proceder a ensaios ou ser feito o restabelecimento antecipado, as instalações deverão ser consideradas permanentemente em tensão.


45

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

emprego & formação Empresa Internacional do Ramo Alimentar, sedeada no Concelho de Rio Maior admite:

Portugal e os outros Florinda Matos(*)

Há duas semanas escrevi neste Jornal uma crónica em que destacava a necessidade urgente de se criar, no contexto internacional, a imagem de um país unido em torno de uma imagem de grande rigor perante os objectivos do PEC (Programa de Estabilidade e Crescimento). Defendi mesmo que se desenvolvessem estratégias de marketing do país, focalizadas na credibilidade e num posicionamento bastante distanciado da Grécia. O meu receio era que os investidores, ao verem a situação da Grécia em vias de estabilizar, transferissem as suas atenções para Portugal e, lamentavelmente, menos de quinze dias depois, isto aconteceu. A Agência de Notação Financeira Standard & Poor’s (S&P) ao cortar “rating” a Portugal e à Grécia tentou, claramente, fazer naufragar os dois países ao mesmo tempo. Com esta acção, a S&P afundou a Bolsa portuguesa e fez disparar o custo da dívida nacional. A Agência justifica o corte com a “estrutural fraqueza económica e orçamental” de Portugal, que deixa o país “a agonizar” para conseguir “estabilizar o relativamente alto nível da dívida”. A S&P diz ainda que se vai verificar uma estagnação do PIB nacional, sendo necessário implementar novas medidas no PEC. Kai Stukenbrock, analista da S&P,

considera que o abrandamento do crescimento da economia vai dificultar os cortes no défice e a estabilização do rácio da divida. Perante este ataque, que no meu entender é pura especulação económica com o objectivo de fazer alguns investidores ganharem muito dinheiro, o Governo e a Oposição deixaram de parte os aspectos divergentes e concertaram posições. Esta situação só peca por ser tardia, já que a mesma deveria -se ter verificado há muito tempo, evitando-se assim esta canibalização dos mercados. Os governantes, de diversos países da União Europeia, vieram em auxílio de Portugal, assegurando que a situação nacional não é comparável à grega. O próprio Banco Central Europeu veio reiterar que não há qualquer ligação entre a situação portuguesa e a situação grega. Ou seja, a divida da Grécia representa 22% do PIB e a de Portugal apenas 10%. Por exemplo, o Reino Unido tem uma divida de 18% do PIB e a Espanha de 16%, números substancialmente maiores que o português, assim o problema que leva a estas semelhanças está na divida que vence no curto prazo. De repente, toda a gente parece concordar com a diferença entre os dois países, Paul Krugman, Prémio Nobel da economia, também já veio em defesa de Portugal. Não deixando de considerar assustadora a subida do risco da divida portuguesa, este economista escreveu, no seu Blog, que Portugal não partilha os problemas orçamentais gregos referindo que “o desequilíbrio das contas públicas de Portugal não é, nem de perto, tão severo como o problema grego. Ainda assim, o país foi

ELECTROMECÂNICO (m/f)

Requisitos mínimos: 3 anos de experiência profissional Disponibilidade para trabalhar em regime de turnos Conhecimentos de Electricidade Industrial Idade inferior a 45 anos Condições Preferenciais: Conhecimentos de Frio Industrial Conhecimentos de Línguas Condições Oferecidas: Salário compatível com a experiência e formação Admissão Imediata Integração em empresa sólida Contacto: Telef. Geral 243 909 120 Fax 243 909 129 E-mail: geral@panpor.pt

palco de uma bolha imobiliária e o mercado pensa agora que os bancos portugueses estão em sarilhos”. Krugman atribui esta crise ao facto de países como Portugal terem entrado para a União Europeia bastante pobres e terem recebido muitos financiamentos como fundos de coesão. Parece-me que a situação é verdadeiramente preocupante e que é necessária uma convergência de esforços de todos os sectores da nossa sociedade política, social e económica, não só no sentido da inversão das orientações do défice nacional mas também no sentido da aceleração da nossa economia, o que passará, inevitavelmente, por uma dinamização do mercado do trabalho, com a melhoria das exportações, da produtividade e da competitividade do tecido empresarial. Ou seja, contornando assunto, voltamos ao cerne da questão: temos que aprender com a crise e aproveitar para lançarmos as bases de um país que prime pela excelência!. (*) Investigadora MRC / ISCTE – IUL Consultora PMEConsult (florinda.matos@icaa.pt)

PRECISA-SE FARMACÊUTICA/O Para FARMÁCIA CATARINO MAÇÃO TEL: 241 519 010

contexte MEDICAL Recruta para França - Urgente

ENTRADA IMEDIATA

ANÁLISES CLÍNICAS

RIBATEJO

• ENFERMEIROS - CLÍNICA GERAL (m/f) • ENFERMEIROS - BLOCO OPERATÓRIO • FISIOTERAPEUTAS

PRECISASE

COM CONHECIMENTOS DE FRANCÊS DAMOS CURSO INTENSIVO DE FRANCÊS

Necessitam-se pessoas c/ viatura própria para distribuição de listas telefónicas (PÁGINAS AMARELAS) Residentes na zona ou c/ disponibilidade para se deslocar

Marcação de entrevista

21 470 44 44

(2ª a 6ª feira - das 09h - 13h e das 14h -18 h)

TÉCNICOA

OFERECE-SE:

PARA COLHEITAS DE SANGUE e

Salário motivante, alojamento, viagens (ida e volta)

RECEPCIONISTA

Rua Sá da Bandeira, 816 - 4000-432 Porto

EOLIMPACT

PARA ALMEIRIM

Tel.: 222 088 890 - 932 595 799

Resposta: Apartado n.º 4135 - 2411-901 Leiria

secret.eolimpact@sapo.pt

enviar «curriculum vitae» para:


46

O Ribatejo 30 | Abril | 2010

imobiliário & classificados IMOBILIÁRIO arrenda-se A LOJA 45m2 Torres de S. Domingos Str TL 24931452/ 918498975 A VERÃO Apt Portimão/P. Rocha tudo moderno e garagem TLM 919187680 A QUARTO em zoa calma e simpática da cidade de Santarém TLM 919301034 A QUARTO mobilado em Santarém TLM 969303121 A Quartos em apt novo S. Domingos TLM 966756276 A ESCRITÓRIO em Marvila, 3 salas, 1 wc, Perto do Seminário Preço: 400,00€ - Ref. A79 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A T4/ ESCRITÓRIO na R. António José de Almeida. Remodelado, para escritório ou Habitação. Preço: 500,00€ - Ref. A39 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A APARTAMENTO T3 em São Domingos. Todo mobilado e equipado. Com lareira e ar Condicionado. Preço: 550,00€ - Ref. A104 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A LOJA/ ESCRITÓRIO Estrada de São Domingos, 1wc 55m2. Excelente localização. Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092 A APARTAMENTO T3 Hospital, semi-novo, cozinha equipada Ar condicionado, rec. calor, hidromass., Excelente localização Preço: 600,00€ - Ref. A107 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A O CNEMA dispõe de 3 lojas (espaços comerciais/ escritórios) c/ as seguintes áreas 18m2, 26m2 e 125m2 ( esta última inclui wc). Contactar TLF 243300300 ou geral@ cnema.pt

IMOBILIÁRIO trespassa-se A CAFÉ em S. João da Ribeira (RIO MAIOR) Contacto: 243 949 159

IMOBILIÁRIO vende-se A MORADIA T3 Arneiro Tremês, 415m2 útil, c/ terreno, a 10km Santarém Preço: 125.000,00€ - Ref.

A LOJA em São Nicolau, 72m2, zona urbana, com extracção fumos. Bem localizada. Preço: 600,00€ - Ref. A81 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

00363 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092

pt/121871028-319 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 962191373

AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500

A QUINTINHA c/3 casas 70.000€ Santarém TLM 911008574

A CARTAXO Moradia T3 na cidade, c/ garagem. Quartos c/ ar condicionado. 135.000 € www.remax. pt/121871066-28 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961778995

A ÓPTIMO APT como novo, em zona sossegada, fácil estacionamento. Sala c/ lareira e recup. de calor, cozinha equipada c/ placa, forno e exaustor, boa despensa, casa de banho com banheira de hidromassagem e 2 quartos c/ roupeiro c/ portas de correr dispõe ainda de arrecadação c/ 25 m2 e pré-instalação de Ac e Asp. central. – 80.000€ www.remax.pt/1204311054 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500

A SANTARÉM – andar de vivenda T2 (R/C e cave). Quintal, tertúlia, garagem. 150.000 € www.remax. pt/121871074-32 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961778968 A ALCANHÕES Moradia T4 c/ quintal, terraço e anexo - tertúlia. 120.000 € www.remax.pt/12187107434 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 926613906 A SANTARÉM – Palacete do Séc. XIX c/ 3 pisos (478 m2) para restauro. 185.000 € www.remax. pt/121871049-205 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 969754602 A EREIRA Moradia T2+2 inserida num lote de 566 m2, c/ anexo, garagem e churrasqueira. 99.000 € www.remax.pt/121871049204 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 969754602 A CARTAXO – Várzeas Quintinha de 4.000 m2 muito agradável, c/ tertúlia no espaço exterior. 150.000 € www.remax.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

A CARTAXO – 3º andar c/ aproveitamento de sótão. OFERTA DA ESCRITURA!!! 65.000 € www.remax.pt/1218710678 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961778994 A CARTAXO Moradia T3 no centro da cidade, óptimas áreas, um simpático logradouro e muita privacidade. 130.000 € www.remax. pt/121871069-6 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961725441 A MORADIA isolada V3, zona tranquila, bons acessos em Vale Figueira. Cozinha ampla c/ lareira rústica, 3 quartos (2 c/ roupeiro), sala c/ lareira e 2 wc, uma c/ banheira e lavatório duplo. Exterior ajardinado com possibilidade de construção de piscina –149.900€ www. remax.pt/120431070-145

A T3 em bom estado de conservação, c/ 2 casas de banho e cozinha c/ despensa. Dois dos quartos têm roupeiro; uma das casas de banho tem janela. O imóvel tem duas frentes e boa exposição solar. Situado na zona da Praça de Touros, próximo da Segurança Social e do Instituto da Juventude, a dois passos do Politécnico - 70.000€ www.remax. pt/120431108-43 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT constituído por 3 quartos c/ roupeiro, um dos quais suite, wc na zona

social, sala c/ lareira e AC, cozinha c/ placa, forno e esquentador, despensa na cozinha e área de estendal. Boa localização, comércio variado, Hospital, farmácias, cafés e hipermercados. Bons acessos. Possui um lugar de estacionamento e ainda possui uma arrecadação c/ 4,20 m² – 122.000€ www. remax.pt/120431104-16 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A VARZEA moradia de rés do chão e 1º andar. Possui 3 quartos e 3 casas de banho. Inserida num lote de terreno de 640,5 m² e c/ uma área de implantação de 258,8 m². No logradouro possui algumas árvores de fruto, um furo, tertúlia e garagem. A necessitar de algumas obras de remodelação – 129.500€ www.remax.pt/120431071115 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A MORADIA de 2 pisos em Urb. nova perto do centro da cidade, restaurantes e serviços. R/ chão c/ cozinha e sala de refeições, sala de estar / lareira e wc de serviço, garagem c/ portão automático e terraço c/

churrasqueira. 1º andar c/ 3 quartos c/ roupeiros e uma arrecadação transformada em escritório com janela velux e wc completo – 135.000€ www. remax.pt/120431114-6 AMI 5430 - RE/MAX SCALA Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T3 c/ pouco tempo de uso. Possibilidade de espaço de garagem. Santarém – S. Domingos (95.000€) Ref; 001001018 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda. pt – 243306076/ 917 997770 A MORADIA geminada c/ 3 assoa., 2 pisos, terraço e logradouro. Centro da cidade. Bom preço. Calçada do monte – Santarém (95.000€) Ref; 001002002 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A V2, pré-instalação a.c., cozinha rústica c/ lareira, telheiro c/ barbecue e lavatório, parqueamento, murado e possib. construção de 182m2. Frade de cima – (125.000€) Ref; 001003006 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200601082469 AP

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200601036777 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

1ª PUBLICAÇÃO

1ª PUBLICAÇÃO

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes dos executados FERNANDO DO ROSÁRIO LOPES e mulher JOAQUINA MARIA NUNES LOPES, com domicílio fiscal na Praceta Actor Mário Viegas, N 1 2º Esq. S. Domingos - 2000 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 9 de Dezembro de 2008 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que são responsáveis respeitantes a Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) dos anos 2005 e 2006, no montante actual de 13.088,01 €, sendo 9.652,67 € de quantia exequenda e 3.435,34 € de acréscimos legais.

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado FERNANDO DO ROSÁRIO LOPES, no estado de casado com Joaquina Maria Nunes Lopes, com domicílio fiscal na Praceta Actor Mário Viegas, N 1 2º Esq. S. Domingos - 2000 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 9 de Dezembro de 2008 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que são responsáveis respeitantes a Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e Coimas Fiscais (CF), dos anos 2005 a 2007, no montante actual de 1.893,87 €, sendo 1.358,92 € de quantia exequenda e 534,95 € de acréscimos legais.

BEM A VENDER

BEM A VENDER

Fracção autónoma designada pela letra G do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Praceta Actor Mário Viegas, N 1, na freguesia de S. Nicolau, concelho de Santarém, cuja fracção respeita ao SEGUNDO ANDAR ESQUERDO destinado a habitação, composto de três quartos e cinco roupeiros, sala com lareira, cozinha, duas casas de banho, hall, arrecadação e duas varandas, com a área de 109,70m2 e ainda uma arrecadação na cave com o nº 8, com a área de 5,40m2. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Habitação, Tipologia/Divisões: 4, Permilagem: 125,00, Nº de pisos: 1, Área bruta privativa: 109,70m2, Área bruta dependente: 5,40m2, Área total do terreno: 224,00m2, Área de implantação do edifício: 224,00m2, Área bruta privativa total: 109,70m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1998 sob o artigo urbano nº 2157 – Fracção G, da freguesia de S. Nicolau. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00784/19921123-G (S. Nicolau)

Fracção autónoma designada pela letra C do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Avenida Marquês de Pombal, nºs. 8 C e 8 D, (ex. - Lote 81 da Urbanização de S. Domingos), na freguesia de S. Nicolau, concelho de Santarém, cuja fracção respeita ao RÉS-DO-CHÃO ESQUERDO destinado a comércio, composto de loja ampla com sanitários, com a área de 88,20m2. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Comércio, Tipologia/Divisões: 1, Permilagem: 71,40, Nº de pisos: 1, Área bruta privativa: 88,20m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 221,00m2, Área de implantação do edifício: 221,00m2, Área bruta privativa total: 88,20m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1990 sob o artigo urbano nº 1837 – Fracção C, da freguesia de S. Nicolau. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 0198/20080506-C (S. Nicolau)

É depositário o Sr. Fernando do Rosário Lopes, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 23 de JUNHO de 2010, pelas 15,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 40.327,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2008.264 – FERNANDO DO ROSÁRIO LOPES”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto os executados, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se referem as verbas nºs 1 e 3 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos vinte e oito dias do mês de Abril do ano de dois mil e dez.

É depositário o Sr. Fernando do Rosário Lopes, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 24 de JUNHO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 29.162,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2008.258 – FERNANDO DO ROSÁRIO LOPES”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado e seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se referem as verbas nºs 1 e 3 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos vinte e oito dias do mês de Abril do ano de dois mil e dez.

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra) (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1278 de 30.04.2010)

O ESCRIVÃO, (João José Marcelino Tavares)

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra) (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1278 de 30.04.2010)

O ESCRIVÃO, (João José Marcelino Tavares)


IMOBILIÁRIO & CLASSIFICADOS 47

O Ribatejo 30 | Abril | 2010 A QUINTINHA c/ 10.200 m2, moradia c/ 4 quartos, sala comum (32.85 m2) c/ recup. calor, Cozinha semi-equipada, pré-instalação de aquec. central e garagem p/ 2 carros. Piscina (4.5mx9m). Achete (199.000€) Ref; 001004007 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A APT T2 em muito bom estado, situado na zona nobre de S. Domingos – Santarém (95.000 €) Ref; 001005001 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A APT T2, Almeirim, coo novo, cozinha equipada, logradouro c/churrasqueira. Valor 90.000,00€ - Ref. A-327 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A TERRENO c/ 165m2, Almeirim, c/ moradia para demolir. Valor 27.500,00€ Ref A-326 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A APT T3, Almeirim, novo, lugar garagem, ar condicionado, cozinha equipada, excelentes. Valor 115.000,00€ - Ref. A-322 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A MORADIA T2 rural, na Várzea, 1900m2 terreno, zona sossegada. Valor

68.000,00€ - Ref. A-320 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A LOJA em Santarém, nova, 110m2, grandes montras. Valor 97.500,00€ - Ref. S-574 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A São Vicente Paúl Moradia T3, usada, como nova, c/ 2 quartos, suite , cozinha, sala, 2 wc, alpendre, garagem. 2 cadernetas urbana c/1.000m2 e rústica c/3.020m2. convida ao relax e qualidade de vida . ZEN , c/ a capital do gótico e entrada para A1 a 10 min. ZEN MOR.199 PREÇO 175.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – Jardim de Baixo Moradia T3, r/c e 1º, usada, soalheira, em ópt. estado, pré-instal. p/ paneis solares, logradouro, alpendre, garagem indiv.. Zona residencial mtº aprazível, próx. entrada A1, zonas comercias, escolas e cidade de Santarém. ZEN MOR.198 PREÇO 165,000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Romeira Moradia T4+1. r/chão, cave e sótão. No r/ chão: hall, sala, quarto, suite, wc e alpendre; na cave: cozinha, despensa, casa máq., 2 quartos, casa jantar e wc. Sótão amplo. 2 cadernetas, urbana c/ 450m2, rústica c/

11.680m2. ZEN MOR.130 PREÇO 199.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Alpiarça Moradia T5+1,usada ( cave, r/c e 1º), proj. numa construção e acab. Qualidade, zona habitacional privilegiada... Barragem, Museu dos Patudos e Reserva Natural do Cavalo Sorraia. ZEN MOR.168 PREÇO 280.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – S.Salvador Apt Duplex T2, usado, bem cons., bons acab., 2 quartos, sala, Wc ,cozinha, zona arrumos, garagem priv. c/acesso ao duplex, arrecadação, em zona calma, a 3 min. centro da cidade, e 5 min. acesso a A1 .ZEN APT.107 PREÇO 97.500€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Almeirim Apt T3, novo, hall (tecto falso c/ projec.) 2 quartos (roupeiros de correr), 1 suite( banheira hidrom. wc c/ janela), sala, wc, cozinha semi-equipada c/ electrodom. INDESIT, garagem (box indiv. exterior, c/ água e luz ligado cada fracção), zona agradável, c/ jardim, bons acessos rodoviários ZEN APT.155 PREÇO 105.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Apt. usado T2 Almeirim c/ 1 lugar de garagem. 100.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653

ARRENDA-SE

Espaço para escritório/ Serviços c/ 80 m2 Qualquer actividade - Em openspace, Totalmente Remodelado Centro Cidade Santarém

EMPREGO oferece-se

VEÍCULOS vende-se

A SERVENTE construção civil obras públicas T927732803

A FOCUS TDDI 5 lugares de 2001 6500€ TLM 917046580

Contacto: 96 210 87 61 A Casa antiga em Ponte do Soleiro/ Santarém. 50.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A LOJA c/ + - 40 m2 em Santarém na zona histórica. 42.500€ neg - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. usado T2 em Santarém. 65.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. novo T3 c/ garagem em Almeirim. 126.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A 260m2 de Implantação; Num Terreno c/ 3.120m2, poço, árvores de fruto, forno a lenha casa de campo, ideal p/ fins de semana, água, luz, acessos alcatroados, a 20 min. do Nó da A1 de Santarém. Transportes públicos próximo. REF.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

3878 Preço: 49.500,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM arredores Moinho p/ recuperar c/ vista sobre a Serra e o Campo. Ref. 3949 Preço: 41.000,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM Marvila Lote de terreno no centro da cidade. Área de 325m2, viabilidade de construção de moradia isolada c/ 300m2 Ref. 3876 Preço: 65.000,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM arredores Ruína c/ 560m2, água e luz próximo, acessos alcatroados. Excelente Vista, zona sossegada. Ref. 3890 Preço 41.000,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM São Salvador APT T3 c/ vistas

panorâmicas, boas áreas em zona residencial, a 5 min. do centro da cidade, lugar de garagem e arrecadação. Ref. 2539 Preço: 90.000,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM arredores Moradia p/ reconstruir, excelente localização, área total 200m2. Composta por Habitação + Anexo. Ref. 3852 Preço: 35.000,00€ Trata Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

DIVERSOS geral

A VOLVO V40 TD diesel 116cv 2001 óptimo estado extras 1 dono 170000kms 11000€ T 919187680 243372535

A VENDO grelhador frangos Gre 5 Silva 4 vara T 969963307 A EXPLICAÇÕES: de Matemática A e B; biologia, geologia, física, química, geografia, estatística e MACS aos 2º e 3º ciclos e nível universitário. Perto da Ginestal Machado. Contacto: 914 626 531

DIVERSOS mensagens A SR livre procura sra até 65 anos relação séria TLM 927128245

FAUSTINO SANTOS Acupunctura / Hipnoterapia Clínica Licenciado em Medicina Tradicional Chinesa Curso pós-graduado de aperfeiçoamento de Hipnose em Clínica Médica (componente de especialização) da Faculdade de Medicina de Lisboa

Praceta Pedro Escuro, 10 - 3.º Esq.º (Junto à Rádio Pernes)

MARCAÇÕES - Telemóvel: 962 600 338

www.faustinosantos-acupunctura.com

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200801002260 AP

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200701074199 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

1ª PUBLICAÇÃO

1ª PUBLICAÇÃO

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado CARLOS EMÍDIO FERRÃO PINHEIRO HENRIQUES, no estado de casado, com domicílio fiscal na Rua dos Bombeiros Voluntários, N 8 - 7º Esq. – 2000-205 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 20 de Abril de 2009 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que é responsável respeitantes a Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS), dos anos de 2006 e 2007, no montante actual de 3.034,64 €, sendo 2.399,04 € de quantia exequenda e 635,66 € de acréscimos legais.

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes da executada TELMA CRISTINA SERRA ÁGUAS DE MATOS ÁGUAS, no estado de casada com Joaquim Pedro França e Silva de Matos Águas, com domicílio fiscal em Rua Jean Monet - Jardim de Baixo - Lt 46 2005-279 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 27 de Março de 2009 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA), Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e Coimas Fiscais (CF) dos anos de 2006 a 2008, no montante actual de 4.843,96 €, sendo 3.855,10 € de quantia exequenda e 988,86 € de acréscimos legais.

BEM A VENDER

BEM A VENDER

Fracção autónoma designada pela letra S do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Urbanização do Sacapeito – Rua dos Bombeiros Voluntários N 8, na freguesia de Marvila, concelho de Santarém, cuja fracção respeita ao SÉTIMO ANDAR ESQUERDO, destinado a habitação, com a área coberta de 109,00m2, composto por quatro divisões assoalhadas, duas casas de banho, cozinha, hall e corredor, roupeiro e despensa e uma arrecadação no sótão com a mesma letra da fracção. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Habitação, Tipologia/Divisões: 4, Permilagem: 55,00, Nº de pisos: 1, Área do terreno integrante: 0,00m2, Área bruta privativa: 109,00m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 234,00m2, Área de implantação do edifício: 234,00m2, Área bruta privativa total: 109,00m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1988 sob o artigo urbano nº 2003 – Fracção S, da freguesia de Marvila. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00127/19860804-S (Marvila).

Prédio urbano destinado a habitação sito na Rua Jean Monet – Jardim de Baixo – Lote 46, freguesia de S. Salvador, concelho de Santarém, composto de casa de rés-do-chão com logradouro e 1º andar, tendo um corredor, cozinha, duas salas, duas despensas e casa de banho no rés-do-chão e hall, quatro assoalhadas e casa de banho no 1º andar. Possui a área coberta de 119,25m2 e um logradouro com 120,75m2. Tem ainda um anexo com 24 m2 para garagem e ao nível do sótão uma divisão ampla para arrecadação. Confronta de norte com Rua da situação, de sul com Lote 67, de nascente com Lote 47 e de poente com lote 45. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: HABITAÇÃO, Tipologia/Divisões: T4, Nº de pisos: 2, Área total do terreno: 264,000m2; Área de implantação do edifício: 143,2500m2, Área bruta construção: 209,0000m2, Área bruta dependente: 24,0000m2, Área bruta privativa: 185,0000m2. Inscrito na matriz em 1992 sob o artigo urbano nº 3227 – Santarém (S. Salvador), descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00453/19980115

É depositário nomeado o Sr. Carlos Emídio Ferrão Pinheiro Henriques, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 22 de JUNHO de 2010, pelas 15,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 47.929,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2009.139 – CARLOS EMÍDIO FERRÃO PINHEIRO HENRIQUES”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado, o seu cônjuge e os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se referem as verbas nºs 1 e 3 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos vinte e sete dias do mês de Abril do ano de dois mil e dez.

É depositária a Sra. D. Telma Cristina Serra Águas de Matos Águas, executada nos autos, a qual, depois de contactada no seu domicílio, nessa qualidade e no cumprimento das suas obrigações, mostrá-lo-á aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 23 de JUNHO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 72.128,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2009.067 – TELMA CRISTINA SERRA ÁGUAS DE MATOS ÁGUAS”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto a executada e o seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se referem as verbas nºs 1 e 3 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos vinte e sete dias do mês de Abril do ano de dois mil e dez.

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra) (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1278 de 30.04.2010)

O ESCRIVÃO, (João José Marcelino Tavares)

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra) (em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1278 de 30.04.2010)

O ESCRIVÃO, (João José Marcelino Tavares)


tempo: Sol 30 | ABRIL | 2009

O sol veio para ficar e os próximos dias, pelo menos até quarta-feira, vão trazer temperaturas a rondar os 30ºC e com poucas nuvens no céu. A partir da próxima quinta-feira prevê-se que o céu volte a ficar nublado e que possam ocorrer aguaceiros.

Impresso em papel que incorpora 30 por cento de fibra reciclada, com tinta ecológica de base vegetal

∑agenda

rosário breve

Sexta-feira

Santarém ∑ A peça “Belavista” sobe à cena do teatro Sá da Bandeira pelo grupo An!mal. Às 21h30. Sardoal ∑ Começa a Feira Nacional do Fumeiro, do Queijo e do Pão, que decorre até domingo. Cartaxo ∑O grupo “Os Charruas” actuam às 22h na Festa do Vinho. Alcanena ∑Reposição da peça de dança “Matrioska”, de Tiago Guedes, às 21h30.

Sábado Torres Novas ∑ Baile renascentista às 23h, no âmbito da feira quinhentista que decorre até domingo. Neste dia há também desfile de época, a partir das 15h.

Daniel Abrunheiro

Leituras para bem desligar o televisor

Trabalhadores da MDF vão receber salários 25 anos∑ Processo arrastava-se nos tribunais e lesava mais de 200 pessoas Mais de 200 trabalhadores da ex-Metalúrgica Duarte Ferreira e da Metanova, ambas do Tramagal, já podem começar a receber o pagamento de salários em falta, uma situação que se arrastava há 25 anos. O processo resultou do facto da Metalúrgica Duarte Ferreira (MDF), que chegou a ter 2.600 trabalhadores, ter sido intervencionada pelo Estado após o 25 de abril de 1974 e depois divida em pequenas empresas, muitas das quais viriam a falir.

Entre elas encontrava-se a Metanova, que promoveu um despedimento coletivo a mais de duzentos trabalhadores. Após terem ganho o processo judicial em todas as instâncias, o Instituto da Segurança Social (ISS) e a Siderurgia Nacional (SN) recorreram para o Supremo Tribunal de Justiça (STJ), reclamando prioridade na distribuição dos dividendos da falência da Metanova, tendo o STJ proferido um acórdão em que atribuiiu em primeiro lugar os créditos ao ISS e

em segundo lugar aos trabalhadores que tinham salários em atraso. Com esta decisão os extrabalhadores da MDF vão receber um oitavo da verba que lhes era devida, que totalizaria cerca de um milhão de euros. “Este é o caso mais antigo que conheço em Portugal ao nível de processos de falência”, disse à agência Lusa Carlos Tomé, jurista do Sindicato dos Metalúrgicos, tendo acrescentado que a decisão final “não faz justiça” aos trabalhadores.

“O silêncio é, no processo político, uma fonte documental tão importante como o discurso. Aquilo que se esconde está em luta com aquilo que se ostenta.” Palavras sábias, estas que o professor Adriano Moreira publicou em 1977 no entrecho de O Novíssimo Príncipe (Editorial Intervenção, Braga/Lisboa). Tenho usado o lápis para cristalizar esta e outras citações da análise que o velho tribuno fez à quaseRevolução de Abril de 1974. Estoutra, por exemplo: “A Pátria não tem processo de inocência. Reflecte todos os actos dos seus filhos.” E esta ainda: “O arrependimento não mata o gosto do proveito.” Tenho aproveitado esta e outras leituras recentes. Quero partilhá-las convosco, referindo-vo-las. A O Príncipe de Maquiavel, juntei Kaputt e Técnica do Golpe de Estado de Curzio Malaparte. Duas boas madrugadas me bastaram para levar a cabo a leitura de O Obelisco Preto de Erich Maria Remarque. E nos próximos dias vou dar A Volta ao Mundo com Ferreira de Castro. E então? Então, ler é preciso para que o televisor siga saudavelmente desligado. Tenho caído de mais na asneira de o ligar logo de manhã. Aos gritos caça-táxis da Júlia Pinheiro e aos saracoteios papa-reformas do Goucha, sofro (d)a comissão par(a)lamentar de “inquérito” ao caso da frustrada compra da TVI. Vi o rapaz Penedos, anafadinho e ortoépio, a ser senhordoutorado pelas e a senhordoutorar as figuras que nos deputam. (E nisto do “deputar” vêm muito os tais “filhos da Pátria” do professor Adriano, não vêm? Vêm.) Vi outra vez o Vara (curiosa homonímia do substantivo colectivo da línguatambém-pátria). Vi aquele que dizem sobrinho de não sei quem Soares. Vi até desistir de olhar – embora continue vendo perfeitamente, até sem cangalhas. A solução? Ler: Moreira, Malaparte, Remarque, Castro. O problema é a minha mulher. Chega a casa à tardinha. Vem estafada do trabalho. Sirvo-lhe um refresco na mesinha em frente ao sofá. Ela pega no comando da televisão. Liga. E pronto. Tudo se deteriora rapidamente. Pego num livro e fecho-me no quarto em silêncio, que agora vós podereis (re)citar como vera “fonte documental tão importante como o discurso.” daniel.abrunheiro@gmail.com

edição 1278  

Jornal O Ribatejo - edição 1278

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you