Issuu on Google+

NERSANT organiza sessão de esclarecimento sobre regime de IVA de caixa Com o objetivo de informar os empresários e colaboradores das empresas sobre o regime de IVA de caixa, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 71/2013, de 30 de maio, no âmbito do qual se estabelecem orientações para a interpre-

tação e aplicação do regime em causa, a NERSANT vai realizar em Torres Novas, uma sessão de esclarecimento direcionada às empresas da região do Ribatejo. A sessão decorre no próximo dia 29 de outubro, entre as 14h00 e as

17h00, e tem como oradora convidada Anabela Freitas, da Direção Geral de Impostos, que vai estar à disposição das empresas para o esclarecimento de todas as dúvidas relacionadas com esta questão.

As empresas interessadas em estar presentes podem fazer a sua inscrição junto do site da NERSANT, em www.nersant. pt (inscrições limitadas). As inscrições são gratuitas para empresas associadas da NERSANT com quotização regularizada (com limite de dois participantes por empresa), sendo que as empresas não sócias têm um custo de 20 euros. De referir que esta sessão é uma organização NERSANT, que conta com o apoio da Autoridade Tributária e Aduaneira.

ECONOMIA Este suplemento é da responsabilidade da NERSANT; faz parte da edição 1112 de O MIRANTE e não pode ser vendido separadamente

NERSANT Business 2013: Encontro Internacional de Negócios regressa em Novembro ao Ribatejo Entre 26 e 30 de Novembro, a NERSANT vai realizar pelo segundo ano consecutivo, um Encontro Internacional de Negócios na região do Ribatejo. Estarão presentes empresários e entidades governamentais de diversos países. 11

Empreendedorismo escolar Passaporte Emprego 3i

Programa de estágios da NERSANT dinamiza emprego na região 13

Vale Inovação

Novo projeto de empreendedorismo escolar para o 2º e 3º ciclo completa ecossistema empreendedor da NERSANT 9

A NERSANT é entidade acreditada para a elaboração das candidaturas das empresas da região ao Vale Inovação, programa do QREN que permite recorrer a serviços de consultoria e de apoio à inovação financiados a 75% a fundo perdido 6

VIVER O TEJO

www.viverotejo.pt é o novo portal de promoção da região do Ribatejo 2

Move PME

Formação e consultoria estratégica gratuita para empresários e gestores de empresas 11


2 |

ECONOMIA

17 OUTUBRO 2013

mações dadas pelo próprio jogo. Quando o utilizador estiver preparado poderá começar a jogar, respondendo a um conjunto de questões sobre o percurso que escolheu, perguntas essas feitas em diversas vertentes, como Paisagem, Fauna, Flora, Monumentos Pré e Manuelinos, Monumentos Pós-Manuelinos, Personalidades, Gastronomia, Festas / Tradições / Eventos e por fim, Empresa. Este jogo, que estará disponível em breve em versão desktop e android, foi apresentado às empresas do Ribatejo num seminário sobre marketing territorial, que decorreu em

setembro em Santarém, onde esteve presente a Presidente da Direção da UAERLVT, Maria Salomé Rafael. As empresas que desejarem estar representadas neste jogo, apenas terão que atribuir prémios aos utilizadores que concluírem o jogo com sucesso. O GeoGo é, portanto, uma ferramenta utilizada no âmbito do marketing territorial, que tem como objetivo último o desenvolvimento local, mobilizando recursos e tirando partido das vantagens comparativas das regiões, por forma a potenciar o seu desenvolvimento socioeconómico. Este seminário irá replicar-se em Torres Novas, em data a anunciar em breve, devendo os interessados em obter mais informações, contactar o Departamento de Associativismo, Marketing e Eventos da NERSANT, através dos contactos dame@nersant.pt ou 249 839 500.

Património Natural – Praias Fluviais, Gastronomia – Prato Principal e Gastronomia – Doçaria) e 10 candidatas para cada uma delas, sendo que o utilizador poderá votar na(s) sua(s) preferida(s). Mediante registo no portal, o utilizador poderá aceder às iniciativas que irão ser promovidas, através do acesso a uma newslet-

ter, bem como a promoções que possam ser destacadas no portal. De referir que a NERSANT já realizou diversas atividades para promoção da marca VIVER O TEJO, e que tiveram bastante impacte a nível regional e nacional, entre as quais passeios pedestres, atividades de canoagem, challengers, entre outros.

Marketing Territorial potencia desenvolvimento económico das regiões Territórios e empresas. São estas duas realidades que a União das Associações Empresariais da Região de Lisboa e Vale do Tejo está a tentar unificar, através da criação de um jogo sério que permite aos utilizadores conhecer a região do norte alentejano e Ribatejo, e associar empresas e produtos aos mesmos.

GeoGo é o nome do jogo sério que a UAERLVT, em conjunto com a NERPOR – Associação Empresarial da Região de Portalegre, criaram, com o objetivo de associar o desenvolvimento turístico ao desenvolvimento económico das regiões. Desta forma, este jogo apresenta as empresas como elementos identitários dos territórios e como atores essenciais ao seu desenvolvimento. Para tal, o jogador terá de escolher, no início do jogo, um percurso das regiões do Norte Alentejo ou Ribatejo (ou misto) e de seguida aprender um pouco sobre o mesmo através de infor-

Portal VIVER O TEJO já está online www.viverotejo.pt é o nome portal de promoção da região do Ribatejo, que pretende atrair mais e novos visitantes e turistas a esta região do país, que tem como ator principal o rio Tejo. Onde comer?, onde ficar?, o que fazer?, o que visitar?, são algumas das questões apresentadas no site e que o utilizador poderá explorar, de maneira a traçar a sua estada na região do Ribatejo.

Com o objetivo de estruturar e dar a conhecer a oferta da região do Ribatejo, a NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém, criou o portal www.viverotejo.pt, que tem como objetivo atrair visitantes e turistas para a região do Ribatejo, através de uma oferta mais estruturada que irá permitir, para além da promoção turística, a dinamização da economia regional. O portal www.viverotejo.pt, que acabou de ser lançado pela NERSANT, será otimizado e indexado nos principais motores de busca para permitir que apareça nos primeiros lugares nas pesquisas efetuadas sobre des-

tinos turísticos. Onde comer?, onde ficar?, o que fazer?, o que visitar?, são algumas das questões que têm resposta no portal e que o utilizador, de forma autónoma, poderá consultar. O portal sugere também 6 pacotes temáticos predefinidos para esta região: Ribatejo Ativo, Ribatejo Natural, Ribatejo Tranquilo, Ribatejo Histórico, Ribatejo Jovem e Ribatejo em Férias. Por outro lado, se o visitante pretender criar a sua própria rota, dependendo do seu gosto e disponibilidade, poderá selecionar, dentro de cada rota temática, os locais que pretende visitar, o que fazer, onde comer e onde descansar. O portal permite ao visitante fazer a sua reserva, mediante apenas um registo prévio e breve. Neste momento, a marca VIVER O TEJO está representada no Facebook desde julho deste ano, contando com mais de 700 gostos em apenas 3 meses de atividade. Para além disso, o portal VIVER O TEJO irá divulgar e promover inúmeras atividades nos diferentes quadrantes. A iniciativa Estrelas do Médio Tejo é apenas uma delas e pretende distinguir o que de melhor existe nesta região, destacar o que pode ser considerado como elemento notável e singular dentro de determinada categoria. Assim, temos 6 categorias (Património Histórico Edificado, Património Cultural, Património Natural – Parques Ambientais e Ribeirinhos,


17 OUTUBRO 2013

| 3

ECONOMIA

Mais de 200 pessoas na descida de canoa NERSANT

NERSANT foi a única associação empresarial no Pavilhão de Portugal na FACIM

A NERSANT regressou de Maputo após uma semana a representar o Ribatejo na FACIM – Feira Agro-Pecuária, Comercial e Industrial de Moçambique. A associação empresarial foi a única dos seus pares a marcar presença no Pavilhão de Portugal deste certame.

Turismo, cultura e animação. É este o mote que dá vida à marca VIVER O TEJO, criada pela NERSANT com o objetivo de dar a conhecer as potencialidades turísticas deste rio, que identifica e caracteriza toda a região. Para promover esta marca, a NERSANT realizou no passado dia 07 de setembro uma descida de canoa, que contou com a presença de mais de 200 canoístas, que se manifestaram muito satisfeitos com a atividade. Entre Constância e Tancos, o rio Tejo encheu-se de vida graças à NERSANT. A Associação Empresarial da Região de Santarém realizou no dia 07 de setembro, a sua descida de canoa, atividade realizada no âmbito da marca VIVER O TEJO, e que contou com a participação de 200 canoístas oriundos de todo o país. A atividade superou todas as expetativas da associação, quer pelo número de participantes, quer pelas opiniões manifestadas pelos mesmos. A beleza do percurso, bem como a qualidade da organização foram os aspetos mais salientados pelos participantes, que

deixaram a promessa de voltar a participar na atividade de canoagem no ano de 2014. Pelo número acrescido de inscrições, a NERSANT teve, aliás, que repartir a atividade por duas descidas, tendo-se realizado uma de manhã e outra de tarde. A credenciação de todos os participantes foi feita em Tancos, tendo os mesmos sido deslocados pela organização em autocarro, até Constância, local da partida da descida. Aqui, foram dadas todas as explicações técnicas em relação à atividade, bem como foram dadas a conhecer todas as normas de segurança. Os participantes partiram em canoas de dois lugares, tendo sido sempre acompanhados por um conjunto de monitores em todo o trajeto. Em cada percurso houve uma paragem junto ao Castelo de Almourol, onde os participantes puderam mergulhar. De seguida, seguiu-se uma visita ao castelo. O ponto de chegada deu-se no cais de Tancos, tendo os participantes seguido para o restaurante Almourol, onde foi servido um buffet. Inserida no âmbito do projeto VIVER O TEJO, a descida de canoa foi uma das atividades previstas pela NERSANT para a dinamização das margens ribeirinhas deste rio, tendo sido, portanto, uma atividade inteiramente gratuita. O objetivo desta marca é levar a região ao maior número de pessoas, exponenciando o turismo desta região e aumentando, paralelamente, o volume de negócios das empresas de turismo que aqui operam.

Decorreu em Maputo, entre os dias 26 de agosto e 01 de setembro, a FACIM, maior certame empresarial moçambicano, tendo a NERSANT sido a única associação empresarial representada no Pavilhão de Portugal desta feira. Nesta edição da FACIM, a 49.ª, a NERSANT teve como objetivo dar a conhecer à comunidade económica e empresarial moçambicana, as potencialidades da região do Ribatejo, das suas empresas e produtos, promovendo a realização de negócios entre os dois países. Para tal, a NERSANT deu a conhecer os seus projetos de apoio à internacionalização, nomeadamente o I Encontro de Negócios da Beira, onde estarão presentes diversas empresas ribatejanas interessadas em encontrar oportunidades de negócio neste país, e o NERSANT Business 2013, Encontro Internacional de Negócios que a associação vai realizar em

novembro no Ribatejo, e que na sua edição passada contou com delegações de 6 países de África e América do Sul e que possibilitou a realização de centenas de reuniões de negócios entre empresários portugueses e empresários estrangeiros. A presença institucional da NERSANT em representação do Ribatejo e seu potencial económico foi um sucesso. Pelo stand da associação passaram diversos empresários moçambicanos que pediram esclarecimentos sobre a região e sobre os projetos de internacionalização da NERSANT. Para além disso, o stand da NERSANT contou ainda com a visita do vice-primeiro-ministro português, Paulo Portas, que inaugurou o certame no dia 26 de agosto, acompanhado pelo Embaixador de Portugal em Moçambique, José Augusto Duarte. À semelhança das edições anteriores, a FACIM reservou um dia dedicado a Portugal, que este ano aconteceu a 30 de agosto. Neste dia, o Pavilhão de Portugal recebeu ainda a visita do Ministro da Economia português, Pires de Lima. De referir que a 49.ª edição da Feira Internacional de Maputo abriu oficialmente as portas no dia 26 de agosto e terminou no dia até 01 de setembro de 2013. Este ano, o certame, que contou com mais de 150 empresas portuguesas presentes, teve como lema “Expandindo o horizonte dos seus negócios, optimizando sinergias”.


4 |

ECONOMIA

Golfe da NERSANT foi um sucesso A NERSANT organizou, dia 28 de setembro, em Benavente, o seu Torneio de Golfe, que contou com a participação 66 jogadores em representação de 33 equipas. As empresas CIBEN e PESNIL foram as grandes vencedoras do evento, respetivamente nas vertentes Stableford Gross e Stableford Net.

O Santo Estêvão Golfe, situado em Vila Nova de Santo Estêvão, a poucos quilómetros de Benavente, recebeu no dia 28 de setembro, o Torneio de Golfe da NERSANT, iniciativa da associação inserida nas suas atividades outdoor e de lazer. A prova, que decorreu das 09h00 às 14h00, foi disputada por equipas de 2 jogadores, na modalidade "Texas Scramble Stableford". Com a realização desta prova, a NERSANT teve como objetivo proporcionar aos colaboradores das empresas participantes, momentos agradáveis fora do ambiente normal de trabalho, o que acaba por fortalecer os laços e o espírito de equipa entre os mesmos. Para além disso, e devido ao número de empresas participantes - 33 - o torneio foi ainda uma oportunidade para as empresas da região se conhecerem e, quem sabe, vir a realizar algum tipo de negócio. Durante o torneio, o bar de campo esteve aberto para usufruto de todos os participantes, tendo decorrido neste espaço uma prova de vinhos e um almoço convívio que se realizou no final da prova. Os prémios foram atribuídos nas vertentes Net e Gross. Na vertente Net, em 1.º lugar ficou classificada a empresa PESNIL, seguindo-se, em 2.º e 3.º, as equipas SPORTEJO E PKF

2. Na vertente GROSS, o 1.º lugar foi atribuído à empresa CIBEN, o 2.º lugar à empresa PKF e o 3.º, à STA-Auto. Para além das empresas do pódio, todas as equipas participantes tiveram direito a prémios, o que só aconteceu devido aos patrocinadores e apoiantes da prova (Sportejo, Mundiarroz, Quinta da Alorna, Super Bock, Delta Cafés, White Portugal, Europcar, Silvex). Devido ao sucesso desta iniciativa, a NERSANT está já a pensar na organização do Torneio de Golfe para o próximo ano de 2014.

Próximos Eventos

AGENDA OUTUBRO 17OUT » Santarém » Seminário » Financiadores de Negócios Inovadores » Mercado Financeiro 19OUT » Abrantes – Tancos » Atividade Outdoor » Passeio Pedestre 29 OUT » Torres Novas » Seminário » Regime de IVA de Caixa » Sessão esclarecimento NOVEMBRO 01NOV » Cartaxo » Seminário » A Gestão, Sucessão e Continuidade das Empresas Familiares » 26NOV » Torres Novas » Evento » NERSANT BUSINESS 2013 26NOV » Torres Novas » Evento » Internacional Meeting 2013 » Viver o Tejo Para mais informações ou inscrições nas atividades NERSANT, consulte o site da associação, em www.nersant.pt!

17 OUTUBRO 2013


17 OUTUBRO 2013 PUBLICIDADE

| 5

ECONOMIA

GESTÃO E INFORMÁTICA PARA O MEIO RURAL Consultoria | Software | Formação

www.agrogestao.com Av. República 412 · 2750-475 Cascais · Tel. 21 484 74 50


6 |

“Vale Inovação vai proporcionar capacidade de leitura dos mercados e consequente apresentação e adequação local”

17 OUTUBRO 2013

ECONOMIA

Rui Paiva, Gerente da Rodalgés – Equipamentos Industriais Lda.

Sobre o Vale Inovação Pretende certificar a sua empresa? Pretende explorar novos mercados? A NERSANT é entidade acreditada para a elaboração das candidaturas das empresas da região ao Vale Inovação, programa do QREN que permite recorrer a serviços de consultoria e de apoio à inovação financiados a 75% a fundo perdido. A consultoria está disponível em diversas áreas: - Qualidade; - Internacionalização; - Organização e gestão de tecnologias de informação e comunicação; - Propriedade Industrial; - Economia Digital; - Diversificação e Eficiência Energética. Mais informações: Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da NERSANT • datic@nersant.pt • 249 839 500

técnico especializado e demais iniciativas de promoção e empreendedorismo da região e dos seus empresários, cumprindo sem dúvida o seu papel e missão, reconhecendo-lhe valor e mérito no trabalho desenvolvido em prol das empresas.

Rui e Ivo Paiva compõe a gerência da Rodalgés

A Rodalgés –Equipamentos Industriais, Lda. tomou conhecimento do Vale Inovação através da NERSANT, que se tem esforçado por divulgar este programa de apoio às empresas da região do Ribatejo. A empresa aproveitou a oportunidade para investir na internacionalização do seu negócio. Rui Paiva, gerente da empresa, afirma que a participação no programa tem sido uma evidente mais valia para o seu negócio. De que forma é o Vale Inovação importante para as empresas? Rui Paiva: Este projeto vem ao encontro das necessidades sentidas pelas empresas, tendo em conta a recessão e a consequente contração das compras no mercado nacional, onde a alternativa possível passa pela internacionalização (exportações). Que necessidades sentiu a Rodalgés para participar no Vale Inovação? Rui Paiva: No seguimento da estratégia de crescimento, havia a necessidade de ir além-fronteiras e explorar o potencial das exportações, procurando também assim minimizar os impactes que as contrações no mercado interno geram nos resultados da empresa. Quais as vantagens de participar num projeto deste tipo? Rui Paiva: Além da vantagem do financiamento, bastante relevante, é muito importante o apoio dos técnicos da NERSANT. São profissionais especializados e com conhecimentos reais de internacionalização, dando o apoio na avaliação dos mercados e as perspectivas possíveis para a obtenção do melhor resultado atingível. A participação no projeto é, portanto, uma base de seguran-

ça para um passo importante na estratégia de uma empresa, que assegura um nível de performance e direção superior, sem o risco de entrarmos em novos mercados às escuras e impreparados. O que pretende com a participação neste programa de apoio? Quais os seus objetivos específicos? Rui Paiva: O principal objetivo é angariar clientes/distribuidores de modo a que no longo prazo gerem receitas contínuas para a empresa. Com este apoio, o que vai mudar na sua empresa? Que objetivos pretende alcançar com estas mudanças? Rui Paiva: No geral pretendemos aumentar as vendas e assegurar a sustentabilidade do negócio. Esta primeira experiência de internacionalização certamente irá abrir caminho a futuras apostas na prospeção de outros mercados e eventualmente áreas de negócios pelo que a mudança será na nossa abertura ao exterior e na capacidade de leitura dos mercados e consequente apresentação e adequação local. Comente o papel da NERSANT enquanto entidade de apoio às empresas da região. Rui Paiva: A NERSANT tem sido bastante proativa e demonstrado capacidade em promover as iniciativas que beneficiam as empresas da região. A associação está muito presente e aposta em dotar as empresas com conhecimentos e competências que contribuam para o seu desenvolvimento e crescimento, com verdadeiro valor acrescentado. É uma mais valia para as empresas

“A participação no Vale Inovação é uma base de segurança para um passo importante na estratégia de uma empresa”

todo o apoio e iniciativas desenvolvidas que contribuem efetivamente para a melhoria do tecido empresarial e dos negócios, com a divulgação e fomento dos fundos e apoios disponíveis, as missões empresariais, destacando as iniciativas internacionais, as formações profissionais, workshops e seminários sobre alterações legislativas e outras que têm impacte direto nos negócios, além do apoio

Empresa RODALGÉS – Equipamentos Industriais Lda. Morada Expansão Zona Industrial Monte Barca Lt-13 • 2100-051 Coruche Contactos Telf. +351 243 611 040 • Fax +351 243 611 049 • info@rodalges.pt • www. rodalges.pt Setor de atividade Comércio para Logística Industrial Volume de negócios 839.795€ (2012) Vale Inovação – Área de intervenção Internacionalização

AJM II vence Grande Prémio Empresarial de Karting da NERSANT A empresa AJM II foi a grande vencedora da 14ª edição do Grande Prémio Empresarial de Karting da NERSANT que se realizou no dia 14 de setembro, no Kartódromo de Almeirim. Os restantes lugares no pódio foram ocupados pela empresa MJVHipólito (2º lugar) e pelo Jornal Ribatejo, que conquistou o 3º lugar. Mais de 100 colaboradores de 14 empresas da região participaram nesta prova organizada pela NERSANT, que tem como objetivo fundamental fomentar o espírito de equipa e entreajuda entre as empresas e os seus colaboradores. Durante as seis horas de duração da prova, que decorreu num ambiente de grande convívio e animação, as empresas participantes foram obrigadas a definir estratégias e a trabalhar em equipa de forma a que o kart nunca parasse. Este ano, a prova teve

grande adesão por parte das empresas da região, tendo muitas delas participado pela primeira vez. A experiência, garantiram os participantes, é para repetir. O Grande Prémio Empresarial de Karting da NERSANT insere-se no âmbito das atividades outdoor da associação, que privilegiam a criação de espírito de equipa e cooperação entre os colaboradores das empresas da região. Importa ainda referir que a realização do Karting é um dos eventos que pretende dinamizar a marca VIVER O TEJO, marca criada pela NERSANT com o objetivo de dinamizar as zonas ribeirinhas deste rio que atravessa toda a região ribatejana.

Os vencedores Classificação Empresa 1.º .............................. AJM II 2.º ............................... MJV - Hipólito 3.º ............................... O Ribatejo


17 OUTUBRO 2013

| 7

ECONOMIA

SAOV participa no Vale Inovação para implementar sistema de gestão da qualidade A SAOV – Sociedade Agrícola Ouro Vegetal, Lda. foi criada no ano de 2004, e dedica-se à produção e comercialização de azeites de grande qualidade. A necessidade de implementar e certificar o sistema de gestão da qualidade levou a empresa a recorrer ao programa Vale Inovação. A NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém, é entidade qualificada para a prestação de serviços no âmbito do Vale Inovação, programa que permite apoio de 75 por cento a fundo perdido para a aquisição de serviços em áreas de qualificação consideradas prioritárias para a competitividade das PME. Uma das áreas de apoio disponíveis no âmbito do Vale Inovação é a Qualidade, tendo a SAOV concorrido a este apoio precisamente com o objetivo de implementar e certificar o sistema de gestão da qualidade. “A certificação da empresa tendo em conta a Norma ISO 9001:2008 já era um objetivo definido pela SAOV. No entanto, o apoio técnico e financeiro fornecidos pelo programa foram essenciais para que a empresa avançasse com o projeto”, informou Rita Marques, do Departamento Técnico da SAOV, referindo ainda que o Vale Inovação vai permitir concretizar grandes melhorias na empresa. “O principal objetivo da SAOV é e sempre foi a satisfação dos clientes, a crescente expansão da empresa no mercado e a melhoria contínua dos nossos processos. Para a prossecução de uma imagem

1.º Classificado

3.º Classificado

A SAOV – Sociedade Agrícola Ouro Vegetal, Lda foi criada no ano de 2004, tendo como objetivo a produção e comercialização de azeites de grande qualidade. Somos uma equipa jovem, que combina a alta tecnologia com a sabedoria transmitida por gerações anteriores. O nosso trabalho e dedicação deram origem a azeites únicos, reconhecidos internacionalmente permitindo à SAOV tornar-se uma referência de alta qualidade em Portugal. Exercemos a nossa atividade nas áreas da olivicultura, vitivinicultura e extração de azeite. Estando essencialmente vocacionada para azeites de excelência, a SAOV colabora com importantes produtores e embaladores portugueses, chilenos e australianos. Esta colaboração desenvolve-se em apoio técnico, consultoria e serviços de extração, fornecimento e embalamento de azeite.

técnico e financeiro para desenvolverem áreas específicas que sem este apoio não seriam prioritárias”, disse Rita Marques, enaltecendo ainda o papel da NERSANT, “que está sempre atenta às necessidades das empresas da região e desenvolve os meios técnicos para satisfazer essas necessidades. Para além disso, auxilia no acompanhamento das sucessivas alterações legislativas e apoia as pequenas empresas, como é caso da SAOV, a acederem a apoios comunitários.”

de excelência é necessário assegurar elevados padrões de qualidade nos serviços prestados, em conformidade com requisitos do cliente, técnicos e legais aplicáveis à nossa atividade”, fez saber a profissional, motivo que levou a empresa a candidatar-se ao Vale Inovação. Este programa, concluiu, “além do apoio técnico e financeiro, incrementa

a competitividade das pequenas empresas através do reconhecimento, da consolidação e da melhoria contínua dos processos e procedimentos da empresa”. A SAOV não poderia estar, por este motivo, mais satisfeita com o Vale Inovação. “A existência deste tipo de projetos permite às pequenas empresas beneficiarem de apoio

2.º Classificado

Empresa SAOV - Sociedade Agrícola Ouro Vegetal, Lda. Morada Rua do Comércio, N.º 105, 1º dto. • 2200 – 050 Alferrarede / Abrantes Contactos Telf. +351 241 361 466 • geral@ saov.pt • www.saov.pt • www.cabecodasnogueiras.com Vale Inovação – Área de intervenção • Qualidade


8 |

ECONOMIA

Novos protocolos reforçam liderança da NERSANT no apoio ao empreendedorismo

A NERSANT deu no passado mês de setembro, um passo em frente na estratégia que tem vindo a seguir de apoio ao empreendedorismo e inovação na região, assumindo inquestionavelmente o seu papel de líder. Quatro protocolos, aprovados pela direção da NERSANT, permitirão a esta associação empresarial reforçar o seu apoio aos jovens empreendedores e a novas empresas que se pretendam instalar na região.

17 OUTUBRO 2013 CENTRO DE INOVAÇÃO DE EMPRESARIAL DE SANTARÉM Um destes protocolos foi já assinado com a Câmara de Santarém, o que irá permitir a instalação de um Centro de Inovação de Empresas num dos ex-edifícios da Escola Prática de Cavalaria. Neste espaço, que será gerido por esta Associação Empresarial e que irá albergar o Núcleo NERSANT de Santarém, serão também instaladas novas empresas, às quais a NERSANT dará todo o apoio técnico no âmbito dos projetos de apoio aos novos empreendedores. CENTRO EMPRESARIAL DO ENTRONCAMENTO A Câmara Municipal do Entroncamento já abriu o seu Centro Empresarial. A NERSANT terá como missão prestar todo o apoio técnico aos novos empreendedores e aos projetos empresariais que se pretendam instalar não apenas no novo Centro Empresarial do Entroncamento, mas em todo o concelho. CENTRO DE EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO E TBS - TOMAR BUSINESS SCHOOL O reforço das parcerias entre o tecido empresarial e as instituições de ensino superior há muito que vem sendo defendido pela NERSANT, o que se reflete agora em dois novos protocolos que serão formalizados com o Instituto Politécnico de Tomar. Desta forma, a NERSANT irá trabalhar em parceria com o IPT no novo Centro de Empreendedorismo e Inovação, bem como na TBS - Tomar Business School.


17 OUTUBRO 2013

| 9

ECONOMIA

Selo +e+i Reconhecimento Público de Iniciativas Dinamizadas pela Sociedade Civil O Programa Estratégico para o Empreendedorismo e a Inovação (+e+i) concede o apoio institucional, através da atribuição do 'Selo +e+i', às iniciativas desenvolvidas por empresas, entidades de I&D, universidades, entidades públicas e privadas, que se insiram no espírito do +e+i e que contribuam para estimular a cultura e as práticas de empreendedorismo e inovação. A metodologia dos projetos de empreendedorismo da NERSANT estão devidamente reconhecidos pelo Governo através do selo +e+i, tendo sido a associação empresarial a única da região a receber esta certificação.

O Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da NERSANT dispõe de um conjunto de técnicos especializados na área do empreendedorismo. Para mais informações sobre os projetos de empreendedorismo desta associação, contacte: datic@nersant.pt 249 839 500

AGENDA

NERSANT completa ecossistema empreendedor com projeto de empreendedorismo escolar para o 2.º e 3.º ciclo A NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém, apresentou às escolas da região, os seus projetos de apoio ao empreendedorismo juvenil. Para além do EmpCriança e EmpreEscola, projetos já bem conhecidos pela maioria das instituições de ensino da região, a associação completa o ecossistema empreendedor que tem vindo a construir, com a introdução de um novo projeto de empreendedorismo juvenil que contempla a dinamização de conteúdos empresariais no 2.º e 3.º ciclos.

Com o objetivo de apresentar e convidar as escolas da região a participar nos seus projetos de empreendedorismo juvenil, a NERSANT realizou duas sessões de apre-

sentação do EmpCriança e do EmpreEscola, que decorreram em Santarém, para as escolas da Lezíria do Tejo, e em Torres Novas, para as do Médio Tejo. “O problema do sucesso das empresas tem a ver essencialmente com formação. Por este motivo, a NERSANT tem apostado nestes projetos de empreendedorismo, que acabam por criar interesse e a apetência das crianças e jovens para a atividade empresarial, tão importante para o desenvolvimento da nossa região e do nosso país”, disse António Campos, Presidente da Comissão Executiva da NERSANT numa das sessões de apresentação, concluindo que “é preciso e urgente, mudar mentalidades em relação a esta questão”. Este ano, continuou o dirigente da NERSANT, e por forma a dar resposta à solicitação de muitos professores, a NERSANT decidiu criar, pela primeira vez, um projeto de empreendedorismo direcionado para os alunos do 2.º e 3.º ciclo, que terá igualmente como objetivo incutir nos alunos desta classe etária (11-15 anos), conceitos de empreendedorismo e a importância da atividade empresarial. Com a criação deste projeto, denominado Empreender Jovem, concluiu António

Campos, “completamos o ecossistema empreendedor que temos vindo a construir. Promovemos os conceitos no ensino e, posteriormente, estamos disponíveis para dar apoio técnico gratuito a todos aqueles que queiram constituir a sua empresa. De referir que o Sítio do Empreendedor, incubadora de ideias de negócio online, já tem registadas 300 ideias de negócio, sendo que 180 estão em acompanhamento pela NERSANT. Metade destas estão já constituídas formalmente como empresas”, referiu António Campos, acrescentando que a NERSANT tem liderado o empreendedorismo a nível regional e nacional. Quer o EmpCriança, direcionado para o Ensino Básico, quer o Empreender Jovem, para 2.º e 3.º ciclo, quer o EmpreEscola, direcionado para o Ensino Secundário, são projetos de empreendedorismo que pretendem incutir nos alunos conceitos ligados à atividade empresarial, bem como estimular os mesmos para a importância da criação de empresas. Todos os projetos são acompanhados de materiais pedagógicos disponibilizados pela NERSANT, que fará a monitorização do desenvolvimento do projeto junto das escolas e dos alunos, que têm como missão desenvolver uma

OUTUBRO 17OUT » Santarém » Seminário » Financiadores de Negócios Inovadores » Mercado Financeiro

“Os projetos de empreendedorismo escolar da NERSANT iniciam agora no ensino primário, e só terminam no ensino secundário. Este ecossistema empreendedor tem como objetivo mudar mentalidades, incutindo nos alunos conceitos que lhes irão transmitir a importância da atividade empresarial” ideia de negócio tendo em conta os conceitos apreendidos. As escolas interessadas em participar nos projetos de empreendedorismo da NERSANT devem manifestar o seu interesse junto do Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da NERSANT, através dos contactos datic@nersant.pt ou do número 249 839 500. De referir ainda que a metodologia dos projetos de empreendedorismo da NERSANT estão devidamente reconhecidos pelo Governo através do selo +e+i, sendo a associação empresarial a única da região a receber esta certificação.


10 |

ECONOMIA

17 OUTUBROPUBLICIDADE 2013

www.nucleoinicial.com

NÚCLEO INICIAL BUSINESS SOLUTIONS

Conceção e implementação de processos de controlo de gestão; Planos Estratégicos de Desenvolvimento; Candidaturas aos diversos sistemas de incentivos: QREN, PROMAR, PRODER; Estudos de viabilidade económica; Soluções Web para rentabilidade do negócio; Planos de Marketing.

T 262 889 540 F 262 889 549 geral@nucleoinicial.pt

Formação à Medida Formação Financiada Formação de Formadores


17 OUTUBRO 2013

| 11

ECONOMIA

Missão Empresarial a Cabo Verde em novembro

NERSANT reuniu mais de 30 empresários em workshop sobre internacionalização Foram mais de 30 os empresários que marcaram presença, no passado dia 23 de sedtembro, no workshop dinamizado pela NERSANT sobre o tema “Promover a Competitividade e a Internacionalização das PME da Região”. A metodologia adotada, que privilegiou o trabalho em grupo e a partilha de experiências resultou numa sessão muito participada e que agradou a todos os intervenientes. Na primeira parte desta sessão, os empresários trabalharam em pequenos grupos numa tarefa que, partindo da análise e da partilha de experiências, consistia em identificar os principais desafios, capacidades e prioridades das empresas da região nos seus processos de interna-

cionalização. Concluído este primeiro desafio, seguiu-se uma análise das tendências e oportunidades no contexto dos mercados de destino, tendo sido discutidos e analisados os mercados de Moçambique, Brasil, Marrocos e Angola. Este workshop serviu também

para analisar o posicionamento das empresas em relação a estas temáticas, permitindo à NERSANT elaborar um plano de ação correspondente. De salientar que este workshop se insere num vasto projeto de apoio à internacionalização das empresas do Ribatejo - o RibatejoExport - projeto que a NERSANT viu recentemente ser aprovado. O RibatejoExport tem como objetivos a disponibilização de informação e apoio que facilite o processo de internacionalização das PME’s da região, dos seus produtos e serviços, o aumento das suas exportações e do grau de abertura ao exterior, e a promoção da imagem da região a nível nacional e internacional.

Vai decorrer, entre os dias 19 e 25 de novembro, ao mercado de Cabo Verde, uma missão empresarial da NERSANT, que contempla a participação na FIC – Feira Internacional de Cabo Verde.

É já no próximo mês de novembro que a NERSANT vai levar a efeito uma missão empresarial a Cabo Verde. A viagem de negócios acontece entre os dias 19 e 25 de novembro, numa ação que inclui a participação na FIC – Feira Internacional de Cabo Verde. Cabe à NERSANT a organização logís-

Encontro Internacional de Negócios regressa em novembro ao Ribatejo

AGENDA

Entre os dias 26 e 30 de novembro, a NERSANT vai realizar pelo segundo ano consecutivo, um Encontro Internacional de Negócios na região do Ribatejo. À semelhança da edição anterior, estarão presentes empresários e entidades governamentais de diferentes países. O Ribatejo recebe, já no próximo mês de novembro, a II edição do NERSANT Business 2013, Encontro Internacional de Negócios organizado pela Associação Empresarial da Região de Santarém. O sucesso da primeira edição deste evento levou a NERSANT a organizar novamente esta iniciativa, que este ano tem já confirmada a presença de delegações de diversos países, como Angola, Cabo

Verde e S. Tomé e Príncipe. As delegações são compostas quer por empresários quer por entidades governamentais dos diversos países, que vão estar na região com o objetivo de reforçar as relações comerciais entre os mesmos. A NERSANT está mobilizada no sentido de trabalhar eficazmente a organização deste evento internacional, que promete ser uma

NOVEMBRO 26NOV » Torres Novas » Evento » NERSANT BUSINESS 2013 Para mais informações ou inscrições nas atividades NERSANT, consulte o site da associação, em www.nersant.pt!

das maiores mostras de networking internacional ao nível nacional.

Inscrições Abertas

Formação e consultoria estratégica gratuita para empresários e gestores de empresas As empresas da região interessadas em integrar gratuitamente um projeto de formação e consultoria estratégica direcionada especificamente para empresários, devem contactar a NERSANT. A associação empresarial da região de Santarém viu aprovada a candidatura que submeteu para a dinamização da terceira edição do programa Move PME. Sob o mote Modernizar, Otimizar e Valorizar Empresas, a NERSANT tem vindo a dinamizar nos últimos anos, o projeto Move PME. Trata-se de um programa de formação ação que tem como objetivo apoiar as micro, pequenas e médias empresas (PME) a atingirem padrões de desempenho mais

competitivos. Para tal, este programa recorre a metodologias ativas e diversificadas, suportadas em formação teórica, formação personalizada, workshops e seminários de sensibilização, que proporcionarão ações qualificantes para empresários e gestores, bem como para quadros e trabalhadores das empresas. Tendo em conta a aprovação desta candidatura, a NERSANT está habilitada a dinamizar esta nova edição do Move PME em três áreas distintas: Gestão Estratégica e Operacional, Internacionalização, e Qualidade, Ambiente e Segurança. Na área de Gestão Estratégica e Operacional, o programa de formação-ação pretende apoiar as empresas a determinarem o seu posicionamento atual e futuro, e a lidarem com a envolvente de uma forma pró-ativa, ante-

tica de toda a missão empresarial, nomeadamente a marcação de viagens e transportes, bem como o agendamento de todas as reuniões com empresas e encontros institucionais. Neste momento, a NERSANT encontra-se já a receber inscrições de empresas da região, encontrando-se já a trabalhar com os seus parceiros no terreno, no sentido de agendar todos as reuniões e encontros de negócio de acordo com as solicitações das empresas. As empresas interessadas em participar nesta missão empresarial deve contactar o Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade através do número 249 839 500 ou do e-mail datic@nersant.pt.

cipando os impactes das mutações externas (globalização dos mercados, alterações legais, tecnológicas, demográficas) na sua organização, definindo prioridades de atuação e planos de ação, face aos recursos detidos. Relativamente à área da Internacionalização, o Move PME III pretende preparar as PME’s para a internacionalização dos seus negócios, enquanto que a área da Qualidade, Ambiente e Segurança prevê a conceção, implementação e monitorização nas PME’s, destes sistemas de gestão. Neste momento, a NERSANT já se encontra a receber a inscrição das empresas interessadas em participar neste projeto de formação-ação. De referir que nas duas anteriores edições do Move PME, participaram no programa de formação e consultoria 350 empresários do Ribatejo.

Para mais informações sobre os projetos de internacionalização da NERSANT, contacte: Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da NERSANT datic@nersant.pt 249 839 500

O que é o Move PME? O projeto MOVE PME é um programa de formação-ação (formação e consultoria), que tem como objetivo apoiar as Micro, Pequenas e Médias Empresas (PME) a atingirem padrões de desempenho mais competitivos, recorrendo para o efeito a metodologias ativas e diversificadas, suportadas em Formação Teórica; Formação Personalizada, Workshops e Seminários de Sensibilização. O programa proporciona ações de formação qualificante para gestores, quadros e trabalhadores, devidamente enquadrada na estratégia da empresa. ÁREAS DISPONÍVEIS: - Gestão Estratégica e Operacional - Internacionalização - Qualidade, Ambiente e Segurança

Inscrições em www.nersant.pt! MAIS INFORMAÇÕES: Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT dfq@nersant.pt 249 839 500.


12 |

ECONOMIA

17 OUTUBRO 2013 PUBLICIDADE


17 OUTUBRO 2013

ECONOMIA

Programa de estágios da NERSANT dinamiza emprego na região As empresas e estagiários interessados em beneficiar da medida Passaporte Emprego 3i, podem fazer a sua inscrição junto da NERSANT. A Associação Empresarial da Região de Santarém submeteu uma candidatura a esta medida, lançada no âmbito do Programa Impulso Jovem, com o objetivo de apoiar as PME e fomentar a empregabilidade jovem.

C

om o objetivo de combater o desemprego jovem e facilitar a aquisição de recursos humanos qualificados por parte das empresas, a NERSANT vai dinamizar cerca de 300 estágios no âmbito da medida Passaportes Emprego 3i. Uma vez que a medida é direcionada para empresas com projetos aprovados no âmbito dos sistemas de incentivos, a bolsa paga aos estagiários, bem como o prémio de integração (no caso de o estagiário ser integrado na empresa após a cessação do contrato de estágio), constituem despesas elegíveis no âmbito dos mesmos, pela que a integração destes jovens nas empresas tem um custo bastante reduzido para as mesmas, que apenas terão que assegurar o subsídio de alimentação, seguro de acidentes de trabalho e contribuições para a Segurança Social. O Passaportes Emprego 3i tem como objetivo complementar e desenvolver as competências dos jovens que procuram um primeiro ou um novo emprego, de forma a melhorar o seu perfil de empregabilidade e apoiar a transição entre o sistema de qualificações e o mercado de trabalho. Para além disso, os Passaportes Emprego 3i pretendem ainda promover o conhecimento sobre novas formações e competências junto dos empregadores, criar emprego em novas áreas e fomentar o desenvolvimento de recursos humanos nas respetivas áreas de abrangência. A medida Passaportes Emprego tem 3 tipologias: o Passaporte Emprego Industrialização, destinado a projetos de investimento que visem a especialização da produção através da introdução de novos produtos e reforço da componente tec-

Os Passaportes Emprego 3i têm como objetivo a promoção de emprego jovem, nomeadamente:

- Complementar e desenvolver as competências dos jovens que procuram um primeiro ou um novo emprego, de forma a melhorar o seu perfil de empregabilidade e apoiar a transição entre o sistema de qualificações e o mercado de trabalho; - Promover o conhecimento sobre novas formações e competências junto dos empregadores e - promover a criação de emprego em novas áreas; - Promover o desenvolvimento de recursos humanos nas respetivas áreas de abrangência.

nológica, bem como do desenvolvimento de estratégias comerciais que permitam um aumento da produtividade e competitividade; o Passaporte Emprego Inovação, destinado a projetos de investimento que visem reforçar a capacidade inovadora das empresas e integrar recursos humanos altamente qualificados; e ainda o Passaporte Emprego Internacionalização, direcionado a projetos de investimento que visem implementar ou consolidar estratégias de internacionalização, designadamente através do aumento da capacidade exportadora das empresas. São beneficiárias dos Passaportes Emprego 3i, as empresas com projetos de investimento aprovados em qualquer um dos três Sistemas de Incentivo: Investigação & Desenvolvimento Tecnológico; Inovação; e, Qualificação e Internacionalização de PME. Os estágios, dirigidos a jovens desempregados inscritos nos Centros de Emprego, detentores de diferentes graus de ensino ou qualificações, perspetivando uma futura integração no mercado de trabalho, têm uma duração de doze meses, não prorrogável. No final do estágio, as empresas que celebrem com os estagiários, no prazo máximo de 30 dias a partir da conclusão do estágio, um contrato de trabalho sem termo, e desde que se verifique a criação líquida de emprego, é concedido um prémio de integração, no valor equivalente à bolsa mensal de estágio, multiplicado por seis. Mais informações podem ser obtidas junto do Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT, através do e-mail dfq@nersant.pt ou do número 249 839 500. As empresas da área de abrangência dos núcleos NERSANT (Ourém, Abrantes, Santarém, Cartaxo e Benavente), podem também solicitar informações junto destes polos da associação. As inscrições de empresas e estagiários podem ser feitas online no site da associação, em www.nersant.pt.

Empresas e estagiários podem fazer a sua candidatura ao Passaporte Emprego 3i no site da NERSANT, em www.nersant.pt.

| 13

NERSANT dá a conhecer empresas de sucesso No âmbito do Médio Tejo Empreendedor, projeto que tem como objetivo promover as potencialidades da região e as competências das suas empresas, a NERSANT elaborou um Estudo de Caracterização e de Diagnóstico da Região, onde estão representados diversos casos de sucesso empresarial dessa região. No passado mês de setembro, e por forma a dar conhecer a toda a comunidade, os bons exemplos empresariais da região, a

NERSANT visitou três empresas da região. O início deste ciclo de visitas, onde estiveram presentes diversos empresários do distrito de Santarém, entidades institucionais e comunicação social, iniciou no dia 19 de setembro com a visita à Bindopor, em Ourém. No dia 24 de setembro, a NERSANT levou a efeito a visita à MomSteell, em Abrantes, e no dia 27, a visita à Rações Zêzere, em Ferreira do Zêzere.

Bindopor é exemplo no desenvolvimento de novos produtos Uma delegação composta por diversos membros da direção da NERSANT, incluindo a sua Presidente, Maria Salomé Rafael, juntamente com diversas empresas, entidades públicas e comunicação social, estiveram presentes na visita à empresa Bindopor, promovida pela NERSANT no âmbito do projeto Médio Tejo Empreendedor. Esta visita teve como objetivo dar a conhecer esta empresa, um das retratadas no Estudo de Caracterização e de Diagnóstico de Identificação e Apresentação de Casos de Sucesso da Região, e que se destaca principalmente pela aposta em processos de pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e soluções. José Costa Rodrigues, responsável da Bindopor, apresentou a dinâmica da empresa e os seus produtos a todos os presentes, tendo evidenciado a aposta da empresa em soluções inovadoras para o desenvolvimento de novos produtos. Após a apresentação da empresa, a comitiva pode verificar muitos dos produtos produzidos pela Bindopor em exposição no local, bem como pôde visitar à área adstrita à produção dos materiais. Foi explicado que a Bindopor projeta, desenvolve e fabrica soluções de sinalética, que complementa com produtos e serviços para a área de decoração de interiores, identificação e design gráfico e industrial. Em 2006, a aposta contínua da empresa em I&D tem

tido resultados importantes, sendo um dos mais notáveis a solução digital criada para a área Sinalética - produtos da marca DDS - DIGITAL DYNAMIC SIGNAGE. Estes sistemas são suportados por uma plataforma própria de gestão de conteúdos, que permite aos seus clientes / utilizadores gerir e disponibilizar conteúdos dinâmicos em tempo real. Outro produto inovador são os ecrãs monocromáticos com autonomia energética, que integram o sistema wireless para sinalética digital. A Bindopor tem vindo a desenvolver projetos em Portugal (mercado doméstico), em Inglaterra, Irlanda, França, Alemanha, Suíça, Angola, Moçambique e Cabo Verde. A empresa é reconhecida pelo mercado como uma referência na sua área de especialização e é certificada pela norma NP EN ISO 9001:2008.

Bindopor, Lda Penigardos Apartado 92 2494-909 Ourém Tel.: 249 540 150 Fax: 249 541 554 E-mail: bindopor@bindopor.pt


14 |

ECONOMIA

17 OUTUBROPUBLICIDADE 2013


17 OUTUBRO 2013

| 15

ECONOMIA

Rações Zêzere é a 1ª empresa do mundo a certificar os seus produtos de alimentação animal A empresa Rações Zêzere mostrou aos empresários da região e à comunicação social, por que razão são hoje uma das empresas mais inovadoras do mundo no seu setor de atividade – a alimentação animal, sendo a primeira empresa fabricante de produtos para alimentação animal a conseguir obter a certificação do seu produto a nível mundial, processo que demorou quase dois anos a concluir, devido à sua complexidade. Para além da nova certificação alcançada, a empresa estava já certificada pelas normas NP EN ISO 9001:2008 pela norma NP EN ISO 14001 a nível Ambiental. Foi ainda a primeira empresa do seu setor a obter certificação em Segurança Alimentar e está a implementar o processo de certificação da responsabilidade social (SA 8000). Sedeada em Ferreira do Zêzere, a Rações Zêzere conta com mais de 3 décadas de existência, e integra um dos maiores grupos nacionais na área agroalimentar, com predominância no setor das rações e dos ovos, assegurando mais de 450 postos de trabalho diretos (60 só na Rações Zêzere). A empresa tem investido, de forma contínua, na modernização tecnológica das suas unidades fabris, o que lhe permite fazer, em tempo real, um controlo rigoroso de todo o produto, em qualquer parte do processo produtivo. Para garantir a qualidade das matérias-primas e do produto final, a empresa possui dois laboratórios de química e microbiologia onde diariamente são efetuadas rigorosas análises de qualidade aos produtos que são produzidos no seu grupo de empresas, das quais fazem parte, por exemplo, a Zêzereovo, a Uniovo ou a Sicarze. As Rações Zêzere foram também uma

RAÇÕES ZÊZERE S.A. – Fabrico de alimentos compostos para animais de criação. Gravulha – Águas Belas Apartado 24 2244-909 Ferreira do Zêzere Tel.: 249 360 020 Fax.: 249 360 029 E-mail: geral@racoeszezere.com

das primeiras empresas da região a integrar o Agrocluster Ribatejo, o que tem sido bastante positivo para a empresa. Luís Guilherme, diretor geral da empresa, revelou que muitos dos investimentos realizados resultaram de candidaturas apresentadas ao QREN, tendo a empresa beneficiado de uma majoração nas verbas, pelo facto de estar integrada neste cluster. “A empresa tem sabido aproveitar os fundos comunitários”, afirmou Luís Guilherme, que elogiou também o apoio da NERSANT às empresas da região. A participação em vários projetos da NERSANT, como o projeto de formação-ação

Move PME, direcionado para empresários, bem como a formação para ativos, ou projetos de inovação e qualidade, trouxe um conjunto de mais-valias para a empresa e para todos os seus colaboradores. Questionado sobre as vantagens ou desvantagens de estar situado no interior do país, Luís Guilherme considerou que a localização da empresa hoje é vantajosa: “com as novas autoestradas, que nos permitem um rápido escoamento dos produtos para o norte ou para o sul, conseguimos centralizar todos os nossos serviços apenas nesta fábrica, gerando uma poupança que se re-

MomSteel detém cinco marcas comerciais No dia 24 de setembro foi a vez da MomSteel, de Abrantes, receber mais uma comitiva de empresários da região, acompanhados pela direção da NERSANT, autarcas e representantes de instituições públicas. Filipe Marques, administrador, fez uma síntese do percurso e crescimento da MomsteelPor, que teve na sua génese uma empresa familiar. A partir de 2008, após alterações na estrutura acionista e uma mudança de estratégia, a empresa começou a apostar em novos produtos e novos mercados. Atualmente a MOMSteelPor S.A. é uma PME Excelência, certificada com a norma ISO 9001:2000

e possui o Certificado CE EN1090. Com uma clara aposta na inovação e fortemente focalizados na qualidade de serviço e na procura de soluções individualizadas para cada um dos seus clientes, a Momsteel detém hoje cinco marcas comerciais, cada uma delas destinada a um segmento de mercado específico: a MOMSteel Indústria, que produz e comercializa componentes metálicos para a construção de edifícios; a MOMTech Engenharia, que presta serviços de Gestão, conceção e acompanhamento de projetos; a MOMSteel Constrution Métalique, que presta serviços de conceção e

produção de edifícios especiais à medida do cliente; a MOMSolar, que presta serviços de conceção e produção de edifícios adaptados a produção de energia fotovoltaico e a MOMLoft, que presta serviços de conceção e produção de edifícios habitacionais. Em 2013, a empresa abriu novos escritórios em Paris e Santiago do Chile e já estabeleceu parcerias comerciais com Brasil, Moçambique, Angola, Argélia e Marrocos. A curto prazo, um dos objetivos da empresa é tornar-se uma referência internacional na conceção e execução de edifícios modulares evolutivos de alta eficiência energéti-

flete num melhor preço para o consumidor”. Contudo, lembra, no anterior QREN, em 2007, Ferreira do Zêzere chegou a estar inserida na região de Lisboa e Vale do Tejo, que por ser considerada uma região rica, entrou em processo de phasing-out. “Nós, não podíamos aceder aos fundos comunitários, mas nos concelhos vizinhos, que já estavam agregados a Castelo Branco ou a Leiria, isso já era possível. Felizmente, essa situação foi corrigida”, afirmou. António Campos, presidente da Comissão Executiva da NERSANT, enalteceu a excelência das empresas do Ribatejo, “algumas com a tecnologia mais avançada do mundo” e a quem é necessário dar todo o apoio. “No novo QREN é importante que as verbas venham para as empresas, porque os nossos empresários sabem melhor do que ninguém onde e como investir esses incentivos: na qualificação dos seus ativos, na investigação e inovação, criando postos de trabalho e riqueza para a região e para o país”.

MOMSTEEL Portugal Zona industrial de Abrantes, Lote 57/58 2200-480 Abrantes, Portugal Tel.: 241 330 310 Fax.: 241 364 327 E-mail: info@momsteel.com.pt

ca, (construção por módulos). A MomsteelPor é também uma das 11 empresas da região que integram o Agrupamento Completar de Empresas TBCC, o ACE constituído em 2012 pela NERSANT para o setor da construção civil e imobiliário.


16 |

ECONOMIA

17 OUTUBRO 2013 PUBLICIDADE


1112 17 10 2013 nersant