Page 1

Psicologia Psicologia A A –– 10º 10º ano ano Tema 1.1. Introdução à PSICOLOGIA

Profª Marina Santos

1


Objectivos (do Programa) 1. Explicar o objecto de estudo da Psicologia. 2. Distinguir os conhecimentos da Psicologia daqueles do senso comum. 3. Relacionar a Psicologia com outras ciências. 4. Avaliar a importância da Psicologia nas sociedades contemporâneas.

Profª Marina Santos

2


1. O objecto de estudo da Psicologia Actualmente, a Psicologia define-se como a ciência que estuda o comportamento e os processos mentais

 normais e patológicos;  individual ou em grupos;  no Homem e nos animais.

Profª Marina Santos

3


 Ciência: objectividade e rigor

método científico

=> O objectivo é a elaboração de leis, generalizáveis a todos os indivíduos. => as teorias são submetidas a testes através da observação sistemática e experimentação é um saber sempre em construção (revisível).

 Comportamento: as actividades que podem ser directamente observadas, pois os sujeitos mostram o que fazem => movimentos físicos, dormir, chorar, beijar, agredir, ferir, etc.

 Processos mentais: as actividades que, sendo internas ao sujeito, não podem ser observadas directamente => pensamentos, sonhos, emoções, memorização, compreensão, etc.

Profª Marina Santos

4


Objectivos principais da

ψ:

1. Descrever 2. Explicar 3. Prever 4. Provocar a mudança ... na mente e nos comportamentos  Promove-se uma melhor adaptação dos indivíduos à realidade.

Profª Marina Santos

5


2. Distinção entre Psicologia e Senso comum SENSO COMUM 

PSICOLOGIA

subjectivo (depende muito da

apreciação de cada sujeito). 

ingénuo/acrítico (crê nas saber fragmentado/parcial

(cada pessoa ou cultura vê a realidade de um só ponto de vista).

saber essencialmente prático. 

objectivo (procura compreen-

der os factos com rigor)

aparências). 

 

crítico/ problematizador

(coloca questões que vão para além do óbvio/aparente)

saber mais aprofundado e geral (estudo científico dos factos)  saber teórico que pode ser aplicado em casos práticos. 

Profª Marina Santos

6


3. Relação da Psicologia c/outras ciências • O Homem (e os animais) são sistemas abertos em permanente relação com o meio.  a complexidade dos indivíduos e das suas relações => estudo diversificado e interdisciplinar para que o conhecimento seja mais completo e mais aprofundado. ETOLOGIA BIOLOGIA PSICOLOGIA

Interacção

SOCIOLOGIA ANTROPOLOGIA MEDICINA INFORMÁTICA

Profª Marina Santos

7


4. Importância da Psicologia na sociedade actual • A Psicologia tornou-se uma área do saber autónoma em finais do séc. XIX. • Em meados do séc. XX, ganhou importância:  passou da teoria (investigação) para a prática (intervenção);  passou a ser uma referência no domínio do comportamento humano.  Da mudança permanente que caracteriza as sociedades actuais resulta a necessidade de adaptação de indivíduos e grupos => papel crucial da Psicologia.

Profª Marina Santos

8


4. Importância da Psicologia na sociedade actual O lugar de destaque que a ψ ocupa actualmente trouxe-lhe também alguns problemas: 1. Uma visão distorcida das suas teorias: é confundida com a ψ dos problemas quotidianos – uma espécie de “enlatado de ideias gerais, do senso comum, conselhos da avozinha” (ex: não se deve contrariar as crianças); 2. Uma divulgação de posições radicais sobre a natureza humana: discussões académicas passaram para a opinião pública como dogmas e reduzidas a dicotomias (ex: A inteligência é inata ou adquirida?)

Profª Marina Santos

9


É necessário ultrapassar as dicotomias e compreender a multiplicidade dos factores em jogo e as interacções entre estes => Acabar com as dicotomias e integrar as diversas disciplinas/saberes.

SER HUMANO HEREDITARIEDADE Inacabamento biológico compensado por cérebro complexo e predisposto para comportamentos superiores.

CULTURA Capital colectivo dos instrumentos adquiridos e dos saberes aprendidos, transmitidos de geração em geração, através do processo de socialização.

PRODUTO e PRODUTOR de cultura : unidade bio-psico-socio-cultural

Profª Marina Santos

10

Profile for Marina  Santos

Introdução - Psicologia A  

Introdução - Psicologia A  

Advertisement