{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade

Page 1


Carta do editor

Chegando em nossa edição 14, decidimos que é hora de explorar novas linhas de pensamento, novas ideias, trazer aquilo que é importante para o nosso público. Com nosso maior número de editoriais até hoje, de uma qualidade que não fica atrás de nenhuma revista “de fora”, a BRAINSTORM começa o seu processo de renovação. Transitando entre a arquitetura paulista, o lúdico aquático e o “retrô sci-fi”, buscamos trazer as mais fortes imagens de moda até hoje vistas em nossas edições

When 14 are arriving in our publication, we decide what is an hour of exploring new lines of thought, new ideas, bringing what is important for our public. With our biggest number of editorials up to today, of a quality that is not behind any magazine ‘from the outside’, the BRAINSTORM begins his process of renovation. Going between the architecture of Sao Paulo, the aquatic playful thing and ‘ retro sci-fi ‘, we look to bring the strongest images of fashion up to today seen in our publications.

Jonathan Wolpert

ISSUE 14

5 Ripple Structure 16 Dualidade 30 Crise das infinitas adaptações Crisis of the infinite adaptations 32 Playful memories 48 Back to Black 60 Blur 78 Maria F. 90 Ocean blue take me away 110 Retromood


Jonathan Wolpert Editor-in-chief Ana Cuentro Creative director Ander Oliveira Fashion editor Nathalie Alves Translation Emannuel Alves Website Editor

CONTRIBUTORS ABÁ MGT, ANDRE PUERTAS, AGATHA MÜLLER,CAMILA FERZA, CAPA MGT, CARLA REINEHR, CÁSSIA PEROCCO, CHICO DOMINGUES, CONDOMÍNIO COPAN, EDUARDO HYDE, ELLEN PINAFFI, EMANNUEL ALVES, ERIC MAEKAWA, FÁBIO LAMOUNIER, GECO NIHCHKE, GEORGE KRAKOWIAK, JENNIE, JÉSSICA NOGUEIRA, JOÃO ARRAES, JOÃO PAULO DURÃO, JOSEFINA BIETTI, JOY MODELS, JULIA LEGO, LIZ TIEGS, LOVANI PINNOW, LUANA ALVES, MALU BORTOLINI, MANOELA FIÃES, MARIA FLAVIA, MARIANA COLDEBELLA, MATHEUS AVLIS, MEGA MODELS, MIGUEL SOLL, PAULA VIDA, PÉ PALITO, PORTO ALEGRE PARK, PREMIER MODELS, RAFAEL GUAPIANO, RENATA PUREUR, RICARDO HEGENBART, VANESSA MOREIRA, VINICIUS TERRANOVA, WALÉRIO ARAÚJO, WALTER OLIO, WAY MODELS.

Cover

Contact contato@magbrainstorm.com @magbrainstorm

MAG BRAINSTORM is a bilingual bimonthly magazine over digital arts, architecture, cinema, literature, fashion, music and audiovisual. Its forbidden the reproduction in whole or in part without prior permission of the editorial content. Signed articles and editorials are the sole responsibility of the authors and do not reflect the opinion of the magazine.


Vestido Vitor Zerbinato Costeiro Walério Araújo Brinco caveira Walério Araújo


ripple structure PhOTOGRAPHY JONATHAN WOLPERT @ ABA MGT Styling ANDER OLIVEIRA PRODUçÃO de moda andrE PUERTAS Modelo ELLEN pinaffi @ WAY MODELS

agradecimentos: way models, condomínio copan e walÉrio araÚjo


Blusa bordada Vitor Zerbinato Saia de vinil Walério Araújo Luvas de couro Walério Araújo Sandália Walério Araújo


Vestido bordado Vitor Zerbinato


Vestido Rober Dognanini Cabeça Walério Araújo Sandália Walério Araújo


Vestido Vitor Zerbinato Capa de chuva Felipe Fanaia Brincos Eleonora Hsiung para Walério Araújo Sandália Walério Araújo


Dualidade Fotografia Ricardo Hegenbart Styling Geco Nihchke Beleza Eric Maekawa Modelo Mariana Coldebella (JOY) Retouching Walter Olio


Top de cristais Otรกvio Giora calรงa Apartamento 03


Blusa e calรงa UMA pulseira Otรกvio Giora


blusa LUcas magalhรฃes body Larissa Minatto pulseiras Otรกvio Giora SAndรกlias vicenza


casaco Apartamento 03 vestido LUcas magalhĂŁes SAndĂĄlias vicenza


Bralet janiero bermuda apartamento 03 pulseiras otรกvio Giora sandรกlias vicenza


vestido uma calรงa ellus pulseiras otรกvio Giora sandรกlias vicenza


blusa Apartamento 03 calรงa ELLUS SAndรกlias vicenza


vestido Apartamento 03


especial

Crise das infinitas adaptações Crisis of the infinite adaptations Agatha Müller

Com a mudança de estação aproxima-se a temporada das estréias mais aguardadas pelo público do cinema hollywoodiano. Nos últimos anos, uma notória parte dos Blockbusters – como são chamados os filmes que custam e lucram alto em bilheteria – é de adaptações de histórias em quadrinhos. O que empolga, irradiando ansiedade, entre os fãs de gibis também é motivo para dúvidas e críticas pré e pós lançamento dos mesmos. A recente rejeição da escolha do ator Ben Affleck para viver o novo Batman nos filmes revela um público muito mais ferino e saudosista ao avaliar esse tipo de adaptação. Mas afinal, a pergunta que fica é: É possível transpor as histórias contadas em texto e desenho para as grandes telas da sétima das artes?

With the change of season there is brought near the period of the premières most waited by the public of the Hollywood’s movies. In the last years, a part of the Blockbusters – as they are called the movies that cost and make a profit loudly in ticket office – is of adaptations of comics. What it fascinates, radiating anxiety, between the comics’ fans also is reason for doubts and criticism daily pay and powders launch of same. The recent rejection of the choice of the actor Ben Affleck to actuate how the new Batman in the movies reveals a much crueller public while valuing this type of adaptation. But at last, the question that is is: Is it possible to transpose the histories counted in text and drawing to the cinema?

Antes de qualquer coisa, certamente, é preciso saber diferenciar as duas mídias. Enquanto um filme proporciona em média duas horas de entretenimento, os enredos das comics podem se arrastar em incontáveis arcos e infinitas edições, o que justifica vermos histórias como X-men ou Os Vingadores se transformarem em grandiosas e longínquas sagas cinematográficas. Nas histórias em quadrinhos, grande parte da experiência acontece em nossa imaginação. Graças aos desenhos e quadros, diferencia-se de um livro, mas ainda assim, abre-se um leque de possibilidades interpretativas. Já no cinema, elementos, como a trilha sonora, efeitos especiais e caracterização dos personagens, delimitam-se a fim de nos apresentar experiência audiovisual completa.

Before anything, certainly, it is necessary to be able to differentiate two mediae. While a movie provides on average two hours of entertainment, the plots of the comics can be dragged in countless arches and infinite publications, what it justifies we see histories like X-men or The Avengers to be turned in enormous cinematography’s sagas. In the comics, great part of the experience happens in our imagination. Thanks to the drawings and pictures, differentiate of a book, but even so, a fan of interpretative means opens. Already in the cinema, elements, like the soundtrack, special effects and characterization of the characters, are delimited in order to present to us a complete audiovisual experience.

Uma das adaptações que mais me chamou atenção na temporada passada foi Azul, a cor mais quente, baseada na graphic novel francesa La vie d’adèle. Talvez por ser uma história que foge do lugar comum entre as comics (tanto em enredo quanto em linguagem), se torne mais facilmente adaptável. Exemplos como 300 e Sin City, considerados inovadores em ambos os requisitos, estão aí para provar que é possível agradar gregos e troianos quando a medida entre fidelidade literária e cinema de qualidade é equilibrada.

One of the adaptations that more attracted me attention in last season was Blue, Is The Warmest Color based on the french graphic La Vie d’Adèle. Perhaps because of being a history that escapes of the common place between the comics (so much in plot how much in language), become more easily adaptable. Examples as 300 and Sin City, considered innovators in both requisites, are there to prove that it is possible to please greeks and troyans when the measure between literary loyalty and quality cinema is balanced. 30

Fotos: Reprodução/Divulgação

Alan Moore – author of the prizewinner comics Watchmen, considered happy in his adaptation for the cinema – in a recent interview on the subject, says that when someone does comics thinking about them like a movie, the maximum what it will be going to get is a movie that is not moved. We can imagine that the opposite sentence also is true; a thought movie only like comics, it becomes not much attractive. Even that that wakes the wrath of the most fanatical, it is a differential that still cannot be ignored. The cinema has a more visual appeal, specifies quicker scenes, principally when it is necessary to count a super heroes’ history. And perhaps, very often, there is lost the depth of the text, which can be developed much more in the pages of the magazines.

Alan Moore – autor da premiada HQ Watchmen, considerada feliz em sua adaptação para o cinema – em uma recente entrevista sobre o assunto, diz que quando alguém faz quadrinhos pensando neles como um filme, o máximo que irá conseguir é um filme que não se mexe. Podemos imaginar que a sentença contrária também é verdadeira; um filme pensado apenas como quadrinho, se torna pouco atrativo. Mesmo que isso desperte a ira dos mais fanáticos, é um diferencial que ainda não pode ser ignorado. O cinema tem um apelo mais visual, precisa de cenas mais rápidas, principalmente quando se deve contar uma história de super-heróis. E talvez, muitas vezes, se perca a profundidade do texto, que pode ser desenvolvido muito mais nas páginas das revistas.


Conversei com alguns fãs e profissionais brasileiros de quadrinhos a respeito do tema. Rafael Lichy – fã das histórias da Vertigo, como Hellblazer – concorda com Alan Moore, e diz que a possibilidade de uma adaptação ser bem sucedida é maior quando o gênero da HQ é terror ou fantasia: “Pelo menos esse tipo de adaptações devem ter enfoques diferentes. Da mesma forma que quadrinhos que tentam ser dinâmicos como filmes serão, quase sempre, quadrinhos ruins.”

I talked with some fans and Brazilian professionals of comics about to the subject. Rafael Lichy – fan of the histories of the Vertigo, like Hellblazer – agrees with Alan Moore, and says that the possibility of an adaptation to be succeeded well is bigger when the type of the comics is a terror or fantasy: “ At least this type of adaptations they must have different approaches. Like comics that try to be dynamic like movies will be, nearly always, bad comics. ”

Já Davi Cardoso, ilustrador que atualmente trabalha com publicidade, acha que os filmes funcionam de maneira eficiente como meio de divulgação – como ele conta, conheceu muitos heróis previamente na tela para depois ler suas histórias – mas não o agrada a idéia de que os filmes influenciam as comics, apesar de achar o caminho natural. Recentemente uma polêmica questão da mudança étnica gerou discussões nos fórums da internet, como a do personagem Nick Fury de Os Vingadores que originalmente era caucasiano e foi retratado como negro nos filmes, o que provocou a mudança de seu visual também nos desenhos. Clark Kent agora também é desenhado com ares de Henry Cavill, ator que o interpretou em sua última aparição no cinema.

Davi Cardoso, illustrator who at present works with publicity, already thinks that the movies work in efficient way like way of spread – as he counts, it knew many heroes previously in the cinema then to read his histories – but it is not pleased by the idea of which the movies influence the comics, in spite of finding the natural way. Recently a controversial question of the ethnic change produced discussions in forums of the Internet, like that of the character Nick Fury of The Avengers who originally was caucasian and was shown like black man in the movies, which provoked the change of his appearance also in the drawings. Clark Kent now also is drawn by air of Henry Cavill, actor who interpreted it in his last apparition in the cinema.

Davi cita as histórias do Super-homem e seu primeiro filme pelas mãos de Donner como sua adaptação favorita: “Eu cresci vendo filmes baseados em gibis e, eventualmente, eles me levaram a gostar dos personagens e querer conhecer a fonte de onde vieram” – enfatiza, citando também a questão de mercado: “Todos os personagens são produtos e precisam fazer dinheiro. Se há possibilidade de fazer isso no cinema, ótimo. Se o resultado me agrada é outra história. Mas eu tento não me preocupar muito com isso. Se não gosto, me incomodo no inicio pela expectativa gerada, mas depois ignoro”. E conclui “Como adaptação acho tudo válido. Como filme, acho que o filme tem de ser coeso consigo mesmo. Se a proposta é fazer um filme completamente fantasioso, que seja até o fim. Se for “realista”, que também o faça”.

Davi quotes the histories of the Superman and his first movie for the hands of Donner like his favorite adaptation: “ I grew seeing movies based in comics and, eventually, they took me liking the characters and wanting to know the fountain of where they came ” – it emphasizes, quoting also the question of market: “ All the characters are products and need to do money. There is possibility to do that in the cinema, great. If the result pleases me it is another history. But I try not to preoccupy myself very much with that. If I do not like, I bother in the beginning for the produced expectation, but then I ignore ”. And it concludes “ Like adaptation I find everything valid. Like movie, I think that the movie will be joined get even. If the proposal is to do a completely imaginative movie, which is up to the end. One will be ‘realistic’, what also does it ”.

Fotos: Reprodução/Divulgação


playful memories Photography Matheus Avlis Styling Luana Alves Beauty Rafael Guapiano Model Liz Tiegs


Mai么 B. LUXO Cinto ZARA Short B. LUXO


Mai么 B. LUXO Blusa TRIUMPH Hot Pants TRIUMPH Meias LUPO Sapato JORGE BISCHOFF


Camisola B. LUXO


Vestido Dourado ROBER DOGNANI


Vestido Transparente B. LUXO Calcinha LOUNGERIE Meias LUPO Rasteira MIEZKO


Vestido B. LUXO Meias LUPO Rasteira MIEZKO


Vestido Branco DTA


Vestido B. LUXO


Capa Branca ACERVO Vestido Bege SANDRA KANAYAMA


BACK to


Fotografia VINICIUS TERRANOVA Styling GEORGE KRAKOWIAK (ABA MGT) Beleza PAULA VIDA (CAPA MGT) Modelo VANESSA MOREIRA (WAY MODEL)

Vestido cherish bota studio tmls


Casaco pelican and parrots


trench coat nem vesitdo danilo costa bota studio timeless


Macac達o beyond retro


shirt topshop


trench coat max mere


shirt cholet calรงa alexandre herchcovitch


vestido cherish


vestido topshop


BLUR foto João Arraes modelo Lovani Pinnow (WAY) styling Camila Ferza produção Emannuel Alves beleza Chico Domingues


Mai么 Rush Praia


Top Cropped e Hot Pants: Rush Praia


Mai么 Rush Praia


Body Club Noir


Camisa Mixed para Dona Santa e saia Club Noir


Top e saia Carina Duek para Dona Santa


Mai么 Rush Praia


Top Cropped e hot pants Rush Praia


Top Carina Duek para Dona Santa


Top Rush Praia e saia Patricia Vieira para Dona Santa


vestido Club Noir


vestido Talie NK para Dona Santa


Vestido Gloria Coelho para Dona Santa


Regata Club Noir


vestido Juliana Jabour para Dona Santa


mai么 B.Luxo jaqueta Letage corrente e pingente acervo


Maria F.

Ph. Josefina Bietti @ ABA MGT Styling. Manoela Fi達es @ ABA MGT Beleza. Eduardo Hyde @ ABA MGT Modelo. Maria Flavia @ WAY MODEL


body Hope jaqueta Zara


top Coven


vestido Agua de Coco sandรกlia Zara


macac達o Surface to Air no B.Luxo


top Coven calรงa Dammyler


body Scala calรงa TopShop casaco FIT broche B.Luxo


e u l b n a e c O e m e tak y a w a Fotos por Miguel Soll Modelo: Carla Reinehr @ Premier Models Mgt Styling por Malu Bortolini Hair & MUA por Renata Pureur Agradecimentos ao Porto Alegre Park


Macac達o Missoni


Vestido bege Helen Rodel


Biquini azul FJ Praia


Mai么 florido e 贸culos Acervo


Biquinis de crochĂŞ Helen Rodel


Mai么 tigres FJ Praia


Bomber e camisa Cia da Moda REGATA Fruta Cor Casaco amarrado na cintura e saia Faven


RETROMOOD Fotografia Julia Lego Styling João Paulo Durão Assistente Styling Jéssica Nogueira Beleza Cássia Perocco Modelo Jennie (Mega Models) Objetos de Cena Pé Palito


Bomber, cropped e saia tudo e. Jaqueta amarrada na cintura テ「rea Prates Saia Plissad PLURAL Meia usada em todas as fotos LUPO SAPATO Covenant


Jaqueta de tricô e neoprene amarrada no pescoço, cropped top e vestido FAVEN Moletom em matelassê e jaqueta amarrada na cintura JARDIM CINTO acervo


Moletom de tric么 de couro Patr铆cia Motta Jaqueta na cintura FRUTA COR CINTO acervo


Bomber de matelassê jardim Regata de jacquard E. Saia de couro Patrícia Motta Saia de matelassê jardim CINTO acervo Sandália Luiza Barcelos


Bomber e saia em matelassê Cia da Moda Casaco de tricô amarrado no pescoço Renata Campos Camisa jeans Jardin Sandália Luiza Barcelos


Suテゥter de tricテエ, moletom de tricテエ e musseline e saia em brocado E. Moletom amarrado na cintura テ「rea Prates


Moletom amarrado no pescoço e moletom de neoprene Plural Saia de couro Patrícia Motta Saia de renda Madreperola


Camisa Hallow


Moletom de tricô e musseline e calça amarrada na cintura Faven Culottes E. Sandália Luiza Barcelos


issue14

Profile for BRAINSTORM magazine

BRAINSTORM - NEW LINES - Nº 14  

BRAINSTORM - NEW LINES - Nº 14