Page 1

Shael AlSaadi F

O JORNAL

DA

CLASSE

DOS

LEILOEIROS

Ano XIII-nº689-BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014

R$ 2,50/SP - R$ 4,00/Outros Estados Editor: Passos Camargos

Digital:www.jornalprimeirolance.com.br

oi realizado no Rio de Ja neiro, no período de 17 a 25 de março, o Corporate Registers Forum 2014. O evento ocorreu no Rio Othon Palace Hotel, localizado à Av. Atlântica, na Zona Sul da cidade. A JUCERJA, Junta Comercial do Rio de Janeiro foi a anfitriã. No CRF-Rio2014, pedi a uma pessoa para fazer um registro meu com os promotores do evento. Era Al Saadi, o fotógrafo, sem o seu traje tradicional, usado pelos homens dos Emirados Árabes. A exemplo do Grande “Mohammed” de Meca, que unificou a Arabia, e do Sheikh Mohammed Bin Rashid Al Maktoum, atual Primeiro-Ministro

e Vice-Presidente dos Emirados Árabes Unidos, além de ser Emir de Dubai, veio ao CRF-2014, Mohammed Shael Al Saadi. Ele unificou pessoas de vários países e continentes pela sua maneira simples de ser, de se relacionar e de fazer amigos. Al Saadi, é o Chefe executivo do Departamento Econômico de Desenvolvimento do Registro e Licenças do Governo de Dubai. Nesta edição do Jornal Primeiro Lance, escrevo um texto intitulado: “De Geração em Geração, Nós Devemos, Construir Um Mundo Melhor. CRF - RIO 2014 / ABU DHABI 2015”. O Jornal Primeiro Lance, em atenção as delegações de diversos países que vieram ao evento, fez a tradução do mesmo para o inglês.

Shael Al Saadi

Nós devemos construir um mundo melhor Corporate Registers Forum-Rio 2014/Abu Dhabi 2015

VIII

Encontro Nacional do Judiciário novembro está longe demais

Margarida Cantarelli é homenageada no Recife “A professora de todos nós”, é o título do texto do Desembargador Lázaro Guimarães. Nele, também, faz referência aos quase vinte anos de convívio com a Desembargadora Margarida e relata: Quando presidente, em 1995, tive a honra de dar posse à professora Margarida Cantarelli como assessora do então juiz Francisco Falcão. Já a conhecia de nome, desde os tempos em que ela exercia a sub-chefia da Casa Civil da Presidência da República. Dela ouvi elogio rasgado do procurador da República Roberto Casali, profundo conhecedor da Administração Pública Brasileira.”

Margarida Cantarelli


- Pág. 2 -BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance

Nesta segunda feira as 10h00

Anuncie aqui a sua empresa de leilões por apenas Aqui o comitente e arrematante

R$ 100,00

encontrará o leiloeiro que procura! Ligue: (0xx11) 4701-5327

Nogari Leiloeiro

São Paulo e Outros Estados

Sodré Santoro

Dalton Leal Leilões

Av: Mal. Floriano Peixoto, Rua São João, 1354 3588 - Curitiba/PR Centro - Teresina/PI Fone: (41) 333-1515 Fone/Fax: (86) 3221-9810 www.nogari.com.br www.daltonlealleiloes.com.br

Freitas Leilões

Júlio César

Marg. da Via Dutra Km Pça. da Liberdade, 130 224 - Guarulhos/São Paulo 15º andar - Conj. 1501/1504 Fone: (11) 2464-6464 Fone: (11) 3117-1000 www.sodresantoro.com.br www.freitasleiloeiro.com.br

R: Vanderlei Moreno, 9.750 São José dos Pinhais - PR Fone: (41) 385-7855 www.ssol.com.br

Roberto Mauro

CEA I - Al. Araguaia 2044 - B. 1 1º andar - sala 111/112

Alfaville- Barueri - SP Fone: (11) 4191-2992 www.mauroleiloes.com.br

Nosso Leilão

Rua: Prof. Zeferino Vaz, 247

Via Anchieta KM 12, sent. Santos/SP Fone: (11) 5586-3000 www.nossoleilao.com.br

EXPEDIENTE O Primeiro Lance é editado pela Editora Primeiro Lance

Rua Ramos de Oliveira, 178 - São Paulo/SP - CEP 08051-500 São Paulo - SP

e-mail: jornalprimeirolance@gmail.com / jornalprimeirolance@jornalprimeirolance.com.br passoscamargos@jornalprimeirolance.com.br / vanildacandido@gmail.com

 (0xx11) 4701-5327 // 98373-3020 EDITOR: Passos Camargos DIRETOR RESPONSÁVEL E REPORTAGENS: Passos Camargos JORNALISTA RESPONSÁVEL: Terezinha F. dos Santos - MTB 25816/SP DIREÇÃO EXECUTIVA: Vanilda Candido COLABORADORES: J de Mendonça Neto / Joaquim De’Carli/ Mauro Candido EDITORAÇÃO ELETRÔNICA:Vanilda Candido,Gilson Silva e Mauro Candido O Jornal Primeiro Lance também utiliza os serviços da agência Brasil de Brasília/DF e outras. As matérias assinadas não representam necessariamente a opinião deste jornal. As artes finais dos anúncios e editais de divulgação publicados nas edições do jornal são de responsabilidade dos anunciantes. Circulação: Internacional

www.jornalprimeirolance.com.br


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014- Pรกg. 3 -


- Pág. 4 -BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance

VIII Encontro Nacional do Judiciário, novembro, está longe demais

O

fortalecimento da primeira instância e a prioridade do julgamento das ações sobre

improbidade e crimes contra a administração pública estavam entre os principais temas discutidos nesta quarta-feira (26/3), na abertura da Reunião Preparatória para o VIII Encontro Nacional do Judiciário, realizada no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília/DF, tem o objetivo de discutir as metas e os macrodesafios que serão apreciados pelos presidentes de tribunais durante o encontro do Judiciário, a ser realizado em novembro deste ano.

Abordamos neste artigo, questões sobre as Hastas Públicas, que devem estar garantidas as formalidade de controle dos procedimentos administrativos mesmo dentro de processos judiciais. A Lei das Licitações Públicas prevê o Leilão como uma das modalidades de licitação, inclusive para bens apreendidos e penhorados. Mais adiante, estabelece que o leilão será cometido a Leiloeiro ou servidor (Art.53º), para ao final (Art. 124º) determinar que havendo uma legislação específica está se sobrepõe a própria Lei 8.666. E qual é a legislação específica? A legislação específica é o Decreto nº 21.981/32, e o Decreto nº 4.021, que criaram respectivamente a profissão de Leiloeiro Público Oficial e a de Leiloeiro Rural. Veja-se os artigos que regem as profissões de leiloeiro (Art.19º) e leiloeiro rural (Art.4º): Leiloeiro - Art. 19. Compete aos leiloeiros, pessoal e privativamente, a venda em hasta pública ou público pregão, dentro de suas próprias casas ou fará delas, de tudo que, por autorização de seus donos por alvará judicial, forem encarregados, tais como imóveis, móveis, mercadorias, utensílios, semoventes e mais efeitos, e a de bens moveis e imóveis pertencentes às massas falidas, liquidações judiciais, penhores de qualquer natureza, inclusive de joias e warrants de armazéns gerais, e o mais que a lei mande, com fé de oficiais públicos. Leiloeiro Rural - Art. 4º Onde houver leiloeiros rurais nomeados, compete-lhes, privativamente, a venda, em público pregão, de estabelecimentos rurais, semoventes, produtos agrícolas, veículos, máquinas, utensílios e outros bens pertencentes aos profissionais da agricultura. Entendimento nesse sentido, foi ratificado pelo CNJ – Conselho Nacional de Justiça e do CSJT – Conselho Superior do Trabalho como se pode observar: PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS Nº 0007793-97.2012.2.00.0000 CERTIDÃO DE JULGAMENTO da 183ª SESSÃO ORDINÁRIA do CNJ - Conselho Nacional de Justiça: “O Conselho, por unanimidade, julgou parcialmente procedente o pedido, para determinar à Corregedoria Geral de Justiça do Estado do Mato Grosso que adeque o item 6.7.47.1 da Consolidação das Normas da Corregedoria Geral de Justiça do Estado do Mato Grosso ao entendimento ora manifestado, de que as nomeações para hastas públicas

de bens rurais ou agrícolas devem recair, preferencialmente, sobre leiloeiros rurais, nos locais em que existam, sempre a critério do magistrado condutor do processo, nos termos do voto do Relator. PROCESSO Nº CSJT-Pet-3620093.2011.5.90.0000: Firmado por assinatura eletrônica em 01/04/2013 pelo Sistema de Informações Judiciárias do Tribunal Superior do Trabalho. A C Ó R D Ã O - Conselho Superior da Justiça do Trabalho. CONSOLIDAÇÃO NORMATIVA DE PROVIMENTOS DA CORREGEDORIA REGIONAL DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 23ª REGIÃO. ALTERAÇÃO – LEGALIDADE. I - A alteração promovida pelo Regional, para conferir preferência aos leiloeiros rurais naquilo que a Lei nº 4.021/61 lhes atribui como de sua competência representou avanço para a efetividade e a celeridade da prestação jurisdicional e não uma ilegalidade, como sustenta o requerente. II - A verificação acerca da devida habilitação e do preenchimento dos demais requisitos legais para o exercício do ofício de leiloeiro perante as Varas do Trabalho permanece inalterado e a cargo do magistrado que preside o processo no momento do respectivo credenciamento. Pedido improcedente. São grandes e graves os problemas relacionados as Hastas Públicas dentro dos tribunais, Como primeiro exemplo cito a licitação que o Tribunal de Justiça do Distrito Federal em fazendo. A licitação é para contratação de empresa para realizar leilão eletrônico. O leiloeiro está excluído da parte ativa desta licitação na formalização do contrato com o TJDF. É um simples coadjuvante terceirizado a ser contratado pelas empresas que irão realizar os leilões na forma do edital.

Nos credenciamentos para se contratar os responsáveis pelas realizações das Hasta Públicas e Leilões, devem estar só os Leiloeiros Públicos ou Rurais no polo ativo de todo e qualquer edital, inclusive quando das realizações das Hastas Públicas. Empresa não pode tomar o lugar de Leiloeiros, nem Oficial de Justiça pode ser designado por magistrado, Juiz do Tribunal, para realizar Hasta Pública onde tiver leiloeiro disponível e credenciado. O Judiciário perde a credibilidade e a agilidade, surgem os embargos, é mais trabalho e dor de cabeça para todos. Em Recife, uma família este ano perdeu o seu apartamento no qual morava a mais de 30 anos, o leilão foi realizado por oficial de justiça por um tribunal que tem vários leiloeiros credenciados. É triste para a nossa classe ser excluído pela justiça que deveria garantir também o nosso direito de trabalhar. Como outro fato, cito o leilão da sede do América Futebol Clube, que no ano de 2014, comemora o seu Centenário, e poderá receber como presente de aniversário, a perda de sua sede através de execução fiscal em processo na Justiça Federal. Ferido aqui o pressuposto de existência e de validade, no ano da Copa do Mundo, quando a comunidade internacional se prepara para esse grande evento. O Código de Processo Civil estabelece estabelece que a arrematação está perfeita e acabada com a assinatura do arrematante, do leiloeiro e do Juiz no auto de arrematação. No processo judicial onde a Sede do América Futebol Clube foi leiloada, Inexiste a assinatura do magistrado, Juiz do Tribunal, e consequentemente a formalização do ato, fato este que invalida os efeitos que seriam deles decorrentes nos demais atos e procedimentos. Nessa e em outras questões incidentais, o Poder Judiciário pode e deve rever os seus atos como estabelece a Súmula 473 do Supremo Tribunal Federal:

Não entendemos como pode ser terceirizada uma fé pública delegada aos leiloeiros pelos Tribunais dentro de um procedimento como este. Não somos meros batedores de martelos e esse não é o martelo que a classe dos leiloeiros empunha e dá a vida a ele. Empunhamos o “Martelo de Baraúna”, o Martelo da Justiça, que o Poder judiciário deve também empunhar e bater. Pelo edital, procedimentos inexistentes que alteram diversos dispositivos legais, os exequentes podem indicar as empresas de sua confiança para realizarem os leilões, os arrematantes pagam 5% a essas empresas sobre o valor das arrematações, e assim por diante, com o martelo quebrado de batida fofa, estão querendo tirar, para não dar outro nome, as prerrogativas profissionais que a Constituição Federal nos Garante:

STF Súmula nº 473 Administração Pública

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes: XIII - é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei estabelecer;

arrematação perfeita e acabada pelo conjunto de assinaturas do arrematante, do leiloeiro e do Juiz, necessárias a existência do ato e da validade dos seus efeitos. Não se trata de um procedimento de convalidação dos atos pela assinatura do Juiz no auto de arrematação ou do que se relaciona ao tempo e aos prazos nos atos e efeitos decorrentes. Trata-se de procedimento administrativo formal regido pela Lei 8.666, aplicado especialmente na lisura do exercício função do servidor público nos procedimento administrativos formais que regulamentam o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal e institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e o seu regulamento a lei 8.666, em especial, pelos seus artigos: Art. 4o Todos quantos participem de licitação promovida pelos órgãos ou entidades a que se refere o art. 1º têm direito público subjetivo à fiel observância do pertinente procedimento estabelecido nesta lei, podendo qualquer cidadão acompanhar o seu desenvolvimento, desde que não interfira de modo a perturbar ou impedir a realização dos trabalhos.

Parágrafo único. O procedimento licitatório previsto nesta lei caracteriza ato administrativo formal, seja ele praticado em qualquer esfera da Administração Pública.

O problema existe dentro do Judiciário, ele não é só do exequente, executaAnulação ou Revogação do, dos credores, arrematante, dos mados Seus Próprios Atos. gistrados, do Tribunal, dos professores de cursos de direito, dos alunos de cursos de direito, da OAB, da sociedade do cidadão e mais ainda, pelo aqui ex“ A administração pode anular seus próprios atos, quando eivados de vícios posto, da Classe da dos Leiloeiros em que os tornam ilegais, porque deles não relação ao TJDF, ao América Futebol se originam direitos; ou revogá-los, por Clube na Justiça Federal de Pernambuco motivo de conveniência ou oportunidade, respeitados os direitos adquiridos, e e aquela família que mora na Praia de ressalvada, em todos os casos, a Boa Viagem há mais de 30 anos, ou meapreciação judicial.” lhor, morava, e perdeu o seu apartamento em leilão realizado por oficial de JustiEm relação a Sede do América, ainda não existe direito adquirido, nem pelo ça em Tribunal que tem leiloeiro arrematante, nem pelo leiloeiro, nem pelo credenciado e disponível. Aos membros do “Poder e do Dever exequente, a arrematação não está perfeita e acabada. No auto de arrematação falta a Administrativo do Judiciário”, um apeassinatura do Juiz. O Direito nesse lo, novembro, está longe demais para momento existe através do Cidadão que que estas questões venham a ser resolvirepresenta a pessoa do executado, o das durante o VIII Encontro Nacional América Futebol Clube. do Judiciário. Precisamos de uma resO Direito é o de poder depositar o valor devido, posta! De atitude!

atualizado e corrigido da execução, e requere assim a Remissão, antes da formalidade administrativa da assinatura do magistrado, Juiz do Tribunal, no auto de arrematação, o que tornaria a

Joaquim De’ Carli de Paula Leiloeiro Público Oficial JUCEPE Leiloeiro Rural FAEPE


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014- Pág. 5 -

Grande Leilão

de Veículos Sinistrados Presencial e On-line Data do Leilão 27/03/2014 ás 14H30 Visitação:Dias 26 e 27/03/2014 das 9H00 ás 17H00 Local do Leilão : Estrada dos Romeiros 7174 Centro Santana de Parnaíba – SP CEP 06501-001

Veiculos Sinistrados (roubo/furto) colisão, alagamento e SUCATA

Chassis:

3N1CN7AD9DL813261, KNAJC521585804375, 8BCLCN6BYCG506838, 9BWAA05Z1A4072978, 9MWAA05V0CP038102, 9BGRX48F0BG206045,9BD27833A72556644 93YLSR7UHBJ703298, 93HGD38908Z202710, 935SLYFYYEB513914, 3VWJE61K18M127046, 9BFZK53A2BB301143, 9BD17164G85060273, KMHDC51EBAU197272 9BWZZZ377YP003326, 9BGTU48W06B196729, 93YLB06254J478072, 8AFTZZFFCCJ444921, 9BGXM68809B209405, 94DVCUD4ODJ186942, 9BWCA15X6YP093377 93YLSR7UHBJ784715, 9BGXM68808B251670, 93HGM2520AZ116736, 935FCKFV88B551495, 9BGJG19H02B203130, 93HGE57408Z208481, 9BWLB05UXCP114611 9BD13531CB2180111, 9BGRZ08907G148284, 9BFLZGDA7B613363, 9BD15802AA6256632, 9BD17301A64169724, 93HES15502Z116468, 9BGXL19607C142381

9362MKFWXBB026520, 9BWKA05Z964194337,9BHBG51DADP023950, 9BFJF37G52B070310

Leiloeiro Público Oficial Roberto Mauro – JUCESP 456 (11) 4191 2992 / F ax.: (11) 4154 6456 Fax.:

www.mauroleiloes.com.br

CEA I - Al. Araguaia 2044 - B. 1 - 1º andar - sala 111/112 - Alphaville - Barueri - SP


- Pág. 6 -BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Leilão de Veículos

LEILÃO ONLINE e PRESENCIAL

Jornal Primeiro Lance

27 de Março de 2014, Sexta-Feira - ás 11H30

LOCAL: Pça. dos Omaguás, 98, 2º andar - Alto de Pinheiros (Alt. do nº 1.000 da Pedroso de Morais) - São Paulo – SP

VISITAÇÃO:26/03/2014 9H00 as 18H00-ROD.FERNÃO DIAS (SENT. CENTRO), KM 82,5, Nº 200, PQ.EDU CHAVES, SÃO PAULO/SP

1.019 TUBOS ALUMINIO CAMINHÕES * TRATORES * COLHEDORAS 9BG124AX01C420322, 9EMD10040RM000076, 9BWDB05XX3T133116, 9ARD07620MS032323, 9BWCA05Y25T064626, 9BWCA05W07T026572

Chassis:

9ARD09620RS035304, 9A9RRTCA241BE5511, 9BM345413JB794612, 12441MI, 9BWAA05W09T034889, 9BWCA05Y81T131191, 9AND09620YM005442 9AND07620MM000362, 1779, 9AFD07520MF002412, 9BWCA05W17T026726, 9BG124ASWWC941056, 9A9CVC0429SDJ1068, 9A9RRTCA2S1BE5027 9AFD07520GF002702, 9BG244QFHGC007594, 9BWCA05W87T027100, 9BWCA05Y25T064626, 9AND09620PM001090, 12442MI REM, 11407MH

9BM384088MB905005, 9BWAA05WX9T034723, 9AFD07520NF002819, 9AND09620PM001091, 9A9RRTCA2S1BE5020

Eduardo Jordão Boyadjian Leiloeiro Público Oficial- Jucesp- 454- FONE (11) 3034-1839

Leilão de Veículos

LEILÃO ONLINE e PRESENCIAL

28 de Março de 2014, Sexta-Feira - ás 11H30

LOCAL: Pça. dos Omaguás, 98, 2º andar - Alto de Pinheiros (Alt. do nº 1.000 da Pedroso de Morais) - São Paulo – SP

e Outros

VISITAÇÃO:27/03/2014 9H00 as 18H00-ROD.FERNÃO DIAS (SENT. CENTRO), KM 82,5, Nº 200, PQ.EDU CHAVES, SÃO PAULO/SP

POLO SPORTLINE * SANTA FÉ V6 * RENAULT LOGAN * RANGER XLT * OUTROS

Chassis:

9BWKA05Z264182756, 9BWKA05Z464062277, 98M69318628296650, 9BWAB09N0AP019692, KNAJT814AB7263912, 8AP17201426035269

9BD17141322173832, 9BWZZZ30ZNT114420, 9BD17202LA3557566, LA7QFM04393, 9BD15802AB6472045, 9BWCA05W98P127314 8AG244RZWWA153861, KNHTS7322Y70078001, 93YLSR7UHBJ557548, 9BD17146G72767530, 9BGRZ08X05G227318, KMHSH81DP9U412525

8AFER13P49J200129, 9BWHB09NX5P028954, 9BD17103G72761407, 93YLSR7UHBJ572794, 93YLSR7UHBJ558777

Eduardo Jordão Boyadjian Leiloeiro Público Oficial- Jucesp- 454- FONE (11) 3034-1839

Leilão de Veículos 28 de Março de 2014, Sexta -Feira - ás 11H30

LEILÃO ONLINE e PRESENCIAL

LOCAL: Pça. dos Omaguás, 98, 2º andar - Alto de Pinheiros (Alt. do nº 1.000 da Pedroso de Morais) - São Paulo – SP

e Outros

VISITAÇÃO:27/03/2014 9H00 as 18H00-ROD.FERNÃO DIAS (SENT. CENTRO), KM 82,5, Nº 200, PQ.EDU CHAVES, SÃO PAULO/SP

C4 PALLAS * FIT EX * FIAT DOBLO * GM MERIVA * OUTROS 93HGD37806Z102139, 9BGXF75004C193880, 8BCLDRFJ29G515550, 9BGSJ19NVTC615772, 9BWCB05W26P009812

Chassis: 9BFNSZPPAYB907727, 9BD11995851021222, 9CBCK44AJAM101984, 9EAJPXJ4RR1001334

Ricardo Miranda de Souza Leiloeiro Público Oficial- Jucesp:866-FONE (11) 3034-1839

www.jordaoleiloes.com.br


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014- Pรกg. 7 -


- Pág. 8 -BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance

Nós devemos construir um mundo melhor

Corporate Registers Forum-Rio 2014/Abu Dhabi 2015

Dentro do desenvolvimento econômico existe um longo caminho pela frente para os líderes e governantes no combate à pobreza e a desigualdade através do fortalecimento de uma governança democrática visando o desenvolvimento humano sustentável. O CORPORATE REGISTERS FORUM, realizou o 11º CRF-RIO/2014, com o tema central “Os Registros de Empresas como meio para se chegar a uma sustentabilidade econômica e social”. Tim Moss (UK) e Michael da Nova Zelândia(NZ) comandaram os trabalhos em conjunto com Carlos de La Rocque e Teresa Cristina Pantoja da Junta Comercial do Rio de Janeiro, JUCERJA, anfitriã do evento no Brasil, e no rumo ao CRF- ABU DHABI/2015, Hala Al Almere, dos Emirados Árabes.

Shael Al Saadi A exemplo do Grande “Mohammed” de Meca, que unificou a Arabia, veio ao Brasil, ao Rio de Janeiro no CRF-2014 e unificou pessoas de vários países e continentes pela sua maneira simples de ser, relacionar e fazer amigos, Mohammed Shael Al Saadi, Chefe executivo do Departamento Econômico de Desenvolvimento do Registro e licenças do governo de Dubai. Ele falou sobre o “Uso de Tecnologias de Informação e Comunicação Bussinesse Registers”. Entre as inovações que eles usam, na primeira fase, a tecnologia de aplicação de smartphones, disponível no iPhone que permite que empresas e investidores percebem um número de registro de empresas e operações de licenciamento, a qualquer hora, em qualquer lugar, colocando uma adição estratégica para o negócio. O Governo de DUBAI desenvolveu este serviço inteligente, a fim de trazer mais facilidade e comodidade aos usuários.

O entendimento geral é de que o compromisso das nações coligadas na construção e controle do registro dos negócios do comércio, deve estar na interoperabilidade e sustentabilidade de suas atividades quando são colocadas em movimento pelo livre exercício comercial e profissional, com as licenças e registros que a lei estabelecer, atrelados as decisões de acordos internacionais ao desenvolvimento econômico e social.

Eduardo Campos é o governador de Pernambuco, e por todo o trabalho do pessoal da Junta Comercial do JUCEPE, em 15 janeiro de 2014 foi assegurado o prêmio internacional “Governar: Arte de bom governo”, emitido pelo Banco Mundial, em uma competição com 70 projetos em cinco países da América Latina. A JUCEPE é sediada na capital de Pernambuco, Recife. Por outro lado, em setembro de 2000, a Organização das Nações Unidas, através de 189 nações firmaram um compromisso na Declaração do Milênio para combater a extrema pobreza e outros males da sociedade. Ação concretizada nos 8 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) que deverão ser alcançados até 2015. No Brasil, representado pelo movimento “Nós Podemos”. Porque não? “Nós Devemos”. No CRF/RIO2014, houve também palestra sobre a responsabilidade corporativa, inclusive com a participação de representante da UNICEF, Maya Faisal. As metas estabelecidas pela Organização das Nações Unidas (ONU) para os objetivos do milênio são as seguintes: 1 - Acabar com a fome e a miséria; 2 - Oferecer educação básica de qualidade para todos; 3 - Promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres; 4 - Reduzir a mortalidade infantil; 5 - Melhorar a saúde das gestantes; 6 - Combater a Aids, a malária e outras doenças; 7 - Garantir qualidade de vida e respeito ao meio ambiente; 8 - Estabelecer parcerias para o desenvolvimento.

Michael,Joaquim,Valdete,Teresa e Rubens

A ONU, trabalha uma nova agenda que resulte de um processo aberto e inclusivo, que envolva pessoas de todas as partes do mundo e de todos os grupos sociais. Por isso, está realizando uma pesquisa batizada de: “Meu Mundo”, criada como uma ferramenta para incluir a voz de todos, sejam pequenos ou grandes para participarem desse diálogo de sustentabilidade global. Unidos pelo uso de Tecnologia de Informação e Comunicação em Registro Empresarial, juntos com os membros do CRF, IACA, ECRF, ASORLAC, IFC, BID, UNICEF, Juntas Comerciais do Brasil, com o martelo na mão, símbolo do leiloeiro e também o da justiça, a

palavra de ordem não deve ser só, quem dá mais? Mas sim, que dá mais e faz melhor? Dou-lhe uma, dou-lhe duas, doulhe três, com boas e transparentes práticas de desenvolvimento econômico firmadas no “CORPOATE REGISTERS FORUM”, inclusive, no comércio e leilões na rede mundial de computadores.

Al Saadi, José Renato, Joaquim de Paula

Não basta apenas o fazer, a diferença está como fazemos nossas escolhas, nossos caminhos, com quem andamos na superação dos obstáculos que não estão apenas associados as questões do conhecimento, da educação, da inteligência ou do controle e do registro, mas da ineficiência de mau uso do tempo, da forma do atendimento e da aplicação dos recursos, aliados a corrupção a serem superados pelas boas práticas, cumpridas e aplicadas pelas pessoas de boa vontade, através dos eficientes e eficazes controles, com a confiabilidade e velocidade da obtenção e consulta dos Registros Corporativos.

Do CRF-RIO-2014 para o Forum de ABU-DHABI- 2015, vamos todos, em alto e bom som, dizer às Nações e aos líderes globais: No “Meu Mundo”, o mais importante é o registro do testemunho, o qual nós damos de nós mesmos, pelas nossas ações no compartilhar da consciência coletiva das ações humanas, através da melhor oferta para a atenção e o respeito com o próximo, refletido no sentido das palavras no trecho do artigo escrito pelo Sheikh Mohammed (Dubai), publicado nas páginas de opinião do Wall Street Journal em 12 de janeiro de 2008. “Muitas vezes me pergunto: “O que Dubai realmente quer? “ Bem, aqui está a minha resposta: O que nós queremos é a continuação de uma jornada que começou com os meus antepassados. Eu realmente acredito que os seres humanos têm uma tremenda capacidade de mudar e melhorar sua sorte. Mudança e modernização são inevitáveis nesta era de globalização galopante. Mas no Oriente Médio precisa continuamente e cuidadosamente a calibrar a mudança no interesse público. Estou também a perguntou muitas vezes: “Quais são as ambições políticas de Dubai? “ Bem, aqui está a minha resposta: Não temos ambições políticas. Nós não

queremos ser uma superpotência ou qualquer outro tipo de poder político. Toda a região é politizada como ela é. Nós não vemos a política como coisa nossa, nós não queremos isso, nós não pensamos que esta é a coisa certa a fazer. Estamos envolvidos em um tipo diferente de guerra que é realmente vale a pena lutar - lutar para aliviar a pobreza, gerando uma melhor educação, a criação de oportunidades econômicas para as pessoas, e ensinar as pessoas em todos os lugares como a empresários, a acreditar em si mesmos. Humildade e tolerância são profundas na família Maktoum e são muito importantes na tentativa de servir ao povo. Estou ancorado nessa tradição, razão pela qual minha atividade favorita é ficar escutando. Eu sempre pergunto: Como posso ajudar? O que posso fazer para as pessoas? Como posso melhorar a vida das pessoas? Isso é parte do meu sistema de valores. É tarde demais para mim para mudar esse sistema, mas não é muito cedo para eu dizer para o mundo que a narrativa Dubai é tudo sobre a mudança de vida das pessoas para melhor através capitalismo inteligente, com força de vontade e energia positiva.” Em Dubai tudo é grande e bonito, e a cidade onde os sonhos se realizam, e sua grandeza só não é maior do que o sentimento que está no coração do Sheik Mohammed.

Rio de Janeiro

Somando ao sentimento, a generosidade e a sabedoria das palavras do Sheik Mohammed, “De Geração em Geração, Nós Devemos, Constuir um Mundo Melhor”, fazendo com que a síntese do cumprimento da lei dos homens, esteja NO CAMINHO, DA VERDADE E DA VIDA, e de braços abertos como o Cristo Redentor no Rio de Janeiro, acolher a todos pela recompensa da essência ecumênica na consagração e exaltação da Lei de DEUS, com a benção do amor ao próximo na fraternidade humana.

Joaquim De’Carli de Paula Leiloeiro Público Oficial JUCEPE Leiloeiro Rural FAEPE


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014- Pág. 9 -

From Generation To Generation,We Must Build A Better World

Corporate Registers Forum-Rio 2014/Abu Dhabi 2015

W

ithin the economic development there is a long road ahead for the leaders and rulers in combating poverty and inequality, through the strengthening of democratic governance for sustainable human development.

Mohammed Shael Al Saadi

The CORPORATE REGISTERS FORUM, held the event CRF in Auckland New Zealand in 2013, in 2014, in Rio de Janeiro in its 11th edition, with the central theme “ The Records of Enterprises as a means to arrive at an economic and social sustainability “ . Tim Moss (CRF - UK) and Michael Brosnahan (CRF - NZ ) commanded work together with Carlos de La Rocque and Teresa Cristina Pantoja Board of Trade of Rio de Janeiro , JUCERJA , hosting the event in Brazil , accompanied by Ardisson Akel , JUCEPAR , president of the Brazilian Association Trade Boards Association, on course to CRF - ABU DHABI/2015, Ms. Hala Al Almere, UAE. As a the Great example of “Mohammed” of Mecca, who unified Arabia and Sheikh Mohammed Bin Rashid Al Maktoum, Prime Minister and current Vice President of the UAE, in addition to being ruler of Dubai, came to Brazil to Rio January CRF-2014, Mohammed Shael Al Saadi. He unified people from various countries and continents for his simple way of being, relating and making friends. Al Saadi, is the Chief Executive Officer of the Government of Dubai Economic Development Department of Registration and Licenses.

Al Saadi, spoke about the “Use of Information Technologies and Communication Business Registers”. Among the innovations that they use, in the first phase, there are the technology application of smartphones, availables on the iPhone that allows companies and investors realize a number of business registration and licensing transactions, anytime, anywhere, putting an addition strategic to the business. The Government DUBAI developed this intelligent service, in order to bring more ease and convenience to users.

The general understanding is that the commitment of associates in the construction and control of the business records of trade nations should be on interoperability and sustainability of their activities , when these should be put in motion by the free business with good professional practices , by licenses and records provided by law, and tied to the decisions of international economic and social development agreements .

Michael,Joaquim,Valdete,Teresa e Rubens

Eduardo Campos is the governor of Pernambuco, and for all the work of the JUCEPE Trade Board team, on January 15, 2014, the international award “Ruling: Art of good government” was assured, issued by the World Bank, in a competition with 70 projects in five Latin American countries.The JUCEPE is headquartered in the capital of Pernambuco, Recife. Moreove, in September 2000, the United Nations, by 189 nations, signed a commitment in the Millennium Declaration to combat extreme poverty and other societal ills. Action

implemented in 8 Millennium Development Goals (MDGs) to be achieved by 2015. In Brazil, represented by the movement “ We Can “. Why not? “ We Must “. Also in CRF/RIO2014, there was talk on corporate responsibility, including the participation of UNICEF representative by Ms. Maya Faisa.

Al Saadi, José Renato, Joaquim de Paula

The targets set by the United Nations (UN) for the millennium goals are: 1 Ending hunger and poverty; 2 Provide quality basic education for all; 3 - Promote gender equality and empower women; 4 - Reduce child mortality 5 - Improve maternal health; 6 - Combat AIDS, malaria and other diseases 7 Ensuring quality of life and respect for the environment; 8 - Establish partnerships for development. The UN, working a new schedule that results in an open and inclusive process, involving people from all over the world and all social groups. So, is conducting a survey named “My World”, created as a tool to include everyone’s voice, whether small or large to participate in this global sustainability dialogue. States through the use of Information and Communication Technology in Business Registry, together with CRF’s members, IACA, eCRF, ASORLAC, IFC, IDB, UNICEF, Brasilian Trade Boards, with hammer in hand, symbol of the auctioneer and also the justice, the slogan should not be alone, who gives more? But yes, Who gives more and do better? Going once, going

twice , going three with transparent and good practices in economic development signed “ corpoate REGISTERS FORUM “ , including in trade, the auctions worldwide web . Not enough to make the difference is how we make our choices , our ways , who walked in overcoming the obstacles that are not only associated with the issues of knowledge , education , intelligence or control and record, but the inefficiency of misuse of time , the way of care and the use of resources , combined with corruption to be overcome by good practices , enforced and applied by people of good will , through the efficient and effective controls , with the reliability and speed of obtaining and query of Corporate Records . CRF -RIO -2014 for the Forum - ABU DHABI -2015 , we will all , in loud and clear , saying the United Nations and global leaders : The “ My World “ , the most important is the record of the testimony , which we give ourselves by our actions in sharing the collective consciousness of human actions through the best offer for the attention and respect with others , reflected in the meaning of words in the excerpt from the article written by Sheikh Mohammed, which was published in opinion pages of Wall Street Journal, on January 12, 2008 : “I am often asked, “What does Dubai really want?” Well, here’s my answer: What we want is the continuation of a journey that began with my forebears. I truly believe that human beings have a tremendous capability of changing and improving their lot. Change and modernization are inevitable in this age of galloping globalization. But we in the Middle East need to continually and carefully calibrate that change in the public interest. I am also often asked, “What are Dubai’s political ambitions?” Well, here’s my answer: We don’t have political ambitions. We don’t want to be a superpower or any other kind of political power. The whole region is over-politicized as it is. We don’t see politics as our thing, we don’t want it, we don’t think this is the right thing to do. We are engaged in a different type of war that’s really worth fighting —

fighting to alleviate poverty, generating better education, creating economic opportunity for people, and teaching people everywhere how to be entrepreneurs, to believe in themselves. Humility and tolerance run deep in the Maktoum family and are very important in trying to serve one’s people. I am anchored in that tradition, which is why my favorite activity is listening. I always ask: How can I help? What can I do for people? How can I improve people’s lives? That’s part of my value system. It’s too late for me to change that system, but it isn’t too early for me to say to the world that the Dubai narrative is all about changing people’s lives for the better through smart capitalism, willpower and positive energy.” (By Sheikh Mohammed bin Rashid Al Maktoum). In Dubai everything is big and

beautiful , is the city where dreams come true , and its size is not larger than the feeling that is at the heart of Sheikh Mohammed. Adding to the feeling, to the generosity and wisdom of the words of Sheik Mohammed, “From Generation to Generation, We Must Build a Better World” in towards to THE WAY OF TRUTH AND THE LIFE.

Rio de Janeiro

With opened arms, as the Redeemer Christ in Rio de Janeiro, lets embrace all persons, in search to the ecumenical reward by the essence of consecration and exaltation of the God ‘s law, with the blessing of neighbor love, by the human fraternity. Joaquim De’ Carli de Paula JUCEPE Board Trade Auctionner FAEPE Livestock Auctionner


- Pรกg. 10 -BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014- Pรกg. 11 -


- Pรกg. 12 -BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014- Pรกg. 13 -


- Pรกg. 14 -BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance


Jornal Primeiro Lance

www.jornalprimeirolance.com.br

BRASIL 27 de Março a 05 de Abril de 2014- Pág. 15 -

“Bendita seja entre os homens” Margarida Cantarelli

O

Associação Americana Presidente: Mário Stefanolli  (00155982) 908-2810 Av: Uruguay, nº 826 Montevideo - Uruguay www.laamericana.org Sindicato dos Leiloeiros Públicos Oficiais de São Paulo Presidente: Eduardo Jordão Boyadjian  (0XX11) 3034-1839 Praça dos Omaguas, nº 98 Conj. 12 - Alto Pinheiros São Paulo/SP - CEP 05419-020 www.sindleiloeiro.com.br

Sindicato dos Leiloeiros Públicos Oficiais do Rio Grande do Sul Presidente: Daniel Schneider Chaieb  (0xx51) 3261-8676 Rua Cândido Gomes, 661 Bairro Floresta - Porto Alegre/RS CEP: 90.220.000 www.sindileirs.com Sindicato dos Leiloeiros Públicos Oficiais do Estado do Paraná Presidente: Gabriel Baron Filho : (0xx41) 233-1077 Rua Emiliano Perneta, 736 Centro - Curitiba/PR www.sindleilao.com.br Sindicato dos Leiloeiros Públicos Oficiais do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul Presidente: Kleiber Leite Pereira  (0xx65) 3624.0269 Av: Beira Rio s/nº Box 5/anexo CVDL Parque de Exposição de Cuiabá Bairro Dom Aquino CEP: 78.015-000 - Cuiabá/MT. www.sindileimtms.lel.br

título deste artigo, “Bendita seja entre os homens”, pertence ao “Texto de Joana Medeiros, originalmente publicado na 5ª edição da Revista Argumento”, o qual foi republicado na apresentação do livro editado em homenagem do TRF5 à Desembargadora Federal Margarida Cantarelii, por ocasião de sua aposentadoria em solenidade neste mês de março de 2014. Na capa do livro, o título é o mesmo, abaixo da foto onde aparece a Margarida ao centro, ladeada por 14 homens, Desembargadores do TRF5. Na Texto de Joana Medeiros, a referência: “Pioneirismo é uma palavra que define bem Margarida Cantarelli. Nascida em recife (PE), em 28 de março de 1944, é a atual e única desembargadora federal do tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 a representar o sexo feminino na Corte”. Na “Saudação à querida amiga e colega”, o Desembargador Federal no TRF5, Francisco Wildo Lacerda Dantas, recorda que começou a travar conhecimento, mais de perto, com Doutora Margarida, quando de sua promoção de Juiz Federal para Desembargador. Define ele: O próprio ato que representa a maior atuação do juiz no processo bem revela o sentido próprio que a decisão deve encarar, o de realizar justiça, segundo foi avaliado e sentido pelo juiz. Daí que o magistrado conclui o processo, ao cabo do que conheceu dos fatos como homem, com o maior ato desse procedimento a sentença”.

Lembrava-se o desembargador Wildo, que a Desembargadora que havia concordado com a sentença onde argumentava que “não se podia aprisionar pássaros, muito menos se poderia prender um ser humano, analfabeto, ignorante das leis, retirando-lhe a liberdade que se procurava garantir as aves “.

“A procura do bem comum”, foi o título da homenagem do Desembargador Edílson Pereira Nobre Junior. Dentre outros, retratou a atuação de Margarida: “A sua atuação como magistrada foi além do seu Capibaribe, para atingir, pela distribuição de justiça, um estuário que congrega, dentre outros, os Vales do Jaguaribe, do Potengi, do Curimataú e do São Francisco, e, com isso, fornecendo exemplos de vanguarda ao país, conforme sucedeu no leading case sobre o direito à pensão decorrente do reconhecimento de efeitos à união estável entre pessoas do mesmo sexo”. O Desembargador Francisco Barros Dias, escreveu sobre a “Bendita flor”: “Margarida tida como bendita flor entre os homens não se limitava a ser apenas uma excelente colega e amiga. Tratava-se e trata-se na verdade de uma grande cientista, escritora, jurista, historiadora, professora, além de conhecedora de quase todo o globo terrestre pelas suas constantes e planejadas viagens pelo mundo afora, com supremacia do turismo e pesquisa no velho Portugal. Como dizia meu avô é uma pessoa “bem lida e bem corrida”. “A professora de todos nós”, é o título do texto do Desembargador Lázaro Guimarães. Nele, também, faz referência aos quase vinte anos de convívio com a Desembargadora Margarida e relata: Quando presidente, em 1995, tive a honra de dar posse à professora Margarida Cantarelli como assessora do então juiz Francisco Falcão. Já a conhecia de nome, desde os tempos em que ela exercia a sub-chefia da Casa Civil da Presidência da república. Dela ouvi elogio rasgado do procurador da república Casali, profundo conhecedor da Administração Pública Brasileira.” Pelo Desembargador José Maria Lucena, a homenagem “Singular” (...) Não se pode deixar de destacar a singular figura humana de Margarida Cantarelli, sua característica tranquilidade e mui fina educação, que a faziam relacionar-se maravilhosamente com os colegas do Tribunal, colegas da primeira instância e servidores do seu gabinete

e da casa, que por ela tiveram grande respeito e admiração. O “Ser Humano raro”. Pelas definições do Desembargador Geraldo Apolinário: (...) “Nos muitos anos devotados ao desempenho de suas atividades laborais, a diversidade das funções exercidas, deu o tom: a Promotoria, a Advocacia, a docência, a Administração Pública... Tudo isso, por si só, já seria suficiente para demonstrar a grandiosidade dos seus talentos, fortemente ancorados em sua invejável intelectualidade, e na induvidosa e sábia virtude de saber lidar com aprumo e zelo, nas mais variadas relações sociais (sempre soube ouvir e fazer-se ouvir).” “Apaziguadora” é o título do texto do Desembargador Francisco de Queiroz Cavalcanti. Na sua retrospectiva dentre vários relatos diz que conheceu Margarida há muitos anos, ele quase criança, estudante de “ginásio” e ela uma jovem e dedicada aluna de Direito. Recordou a presença dela em sua casa visitando seu pai, então professor de processo civil da mesma, entusiasta daquela aluna de direito. Depois teve a notícia de como a mesma se destacou no curso de pós-graduação na Holanda, na área de direito internacional, foi sua professora de direito internacional público... passados os anos passou a ser seu colega na Faculdade de direito da UFPE. Viu obter o 1º lugar em concurso para o Ministério Público Estadual, colaborou com o CNJ, e arrematou ser ela uma das mais operosas e destacadas integrantes do TRF5, e, dentro de suas esperanças não espera que ela venha a presidir o clube do coração dela, o Clube Náutico Capibaribe. “Sinônimo de amizade”. O Desembargador Luiz Alberto Gurgel de Faria, lembra nos idos de 2000 quando estava em campanha para ingressar no tribunal federal da 5ª Região (TRF5) e foi bater à porta dela, apresentando-se e levando o seu currículo. E relata: “fui recebido com um abraço caloroso, acolhedor, colocando o seu gabinete a minha disposição e já me passando orientações de como deveria proceder, transmitindo toda experiência de quem havia trilhado aquele caminho fazia pouco tempo. Com o meu ingresso no Tribunal, os contatos passaram a ser constantes e a estrita amizade que se formou se estendeu para minha família; esposa, filhas, irmão, cunhados, e sobrinhos, todos fãs incondicionais de Margarida Cantarelli. Ela sabe cativar como ninguém, daí a razão de ter tantos admiradores. “Margarida, a amiga”. O Desembargador Marcelo Navarro , assim escreveu: “Margarida é assim, aos olhos do meu coração: a amiga, Uma das maiores que tenho. Um tanto de mãe, de irmã mais velha, de conselheira experiente, de orientadora desinteressada, mas também de voz crítica sempre suave e verdadeiramente construtiva, de ombro para chorar nos dias tristes e de braços para abraçar naqueles de alegrias inesquecíveis. A amizade de Margarida, por ser completa, estende-se aos meus: mulher, filhos e genro, sogros. Todos da minha casa, em que ela entra com a mesma sem-cerimônia, com que eu na dela, embora não nos frequentemos constantemente, salvo nas nossas “casas” no Tribunal, os gabinetes, que ficam no mesmo andar, são contíguos e ambos vivem de portas abertas uns para os outros.

“Palavras” do Desembargador Manoel Erhardt: “Margarida Cantarelli é intelectual brilhante, professora exemplar, jurista consagrada e julgadora competente e sensível. Neste Tribunal, utilizou sua vasta cultura para encontrar as melhores soluções técnicas, sem perder de vista os dramas humanos que os processos revelam.” “ Uma rainha” no reino do Desembargador Vladimir Carvalho : “ Agora, o reino da Margarida se encerra. O Senhor sabe que é preciso

Margarida Cantarelli

respeitar a idade limite imposta na lei maior do Brasil, e os anjos devem se recordar que o reinado seria de tempo limitado, diferente do reino do senhor, que é eterno. Margarida deixa a sua cadeira vazia, levando na bagagem do coração e no rol das lembranças os bons e difíceis momentos vividos, porque foi rainha que trabalhou, não se limitando a conceder audiências na cadeira real. Lá vai, então, a Margarida para outros plagas, como o Instituto Histórico e Geográfico de Pernambuco, a Academia Pernambucana de Letras, que não adotam idade para a aposentação -, com missões que o Senhor já tinha planejado a muitas décadas, deixando atrás de sua atuação a certeza do privilégio de ter sido a primeira e única magistrada, até agora, a ocupar, e, por tanto tempo, uma cadeira no tribunal Regional Federal de 5ª Região.” Simplesmente “Margarida”, pelo Desembargador Rogério Fialho Moreira: “Cumprindo mais uma etapa de sua vida profissional, Margarida deixa o Tribunal, mas não o nosso convívio. Não a teremos diariamente, pois dedicará um pouco mais de tempo aos seus outros dois amores: o Instituto Histórico e a Academia de Letras de Pernambuco. Com certeza a teremos todas as quartas em nossos almoços da A.M.A.D.O, no Restaurante Leite, onde seu lugar está sempre marcado com um arranjo de flores a indicar o canto da nossa Margarida. A.M.A.D.O ´Associação dos Maridos dominados. Confraria dos desembargadores do TRF 5ª Região, que se reúne todas as quartas-feiras, no centenário Restaurante Leite, no Recife.” “Margarida, a querida Tia Guida”. Aproveitando todos esses testemunhos, finalizando deixo aqui também o meu: C0MO Leiloeiro Público Oficial da JUCEPE, presidi em Recife o CONALEI, Congresso Nacional dos Leiloeiros, e como Desembargadora Federal, Presidente do TRF5, ela deu total apoio ao evento, em sua passagem pelo Tribunal, teve mão firme e deu vida e fez a justiça dos homens se aproximar da Justiça de DEUS, pela Verdade e o amor ao próximo ao bater do martelo (símbolo também dos leiloeiros). Pelo lado familiar, este ano, com Clarice Helena, minha esposa, completamos 27 anos de casados, e pelo fruto desse amor tivemos três filhos, Maria Stella, Joaquim Filho e Arthur. Somando-se ao 5 anos de namoro e noivado são 32 anos de convívio com Tia Guida, irmã de meu sogro, Arthur Coutinho. Resolvi fazer também esta homenagem, pelo carinho e a amizade que temos todos por ela. Coincidentemente, 28 de março, é o aniversário dela, e no sábado, como todos os anos tem a missa com Padre Caetano que reúne toda a família em ação de graças por mais um aniversário dela. Padre Caetano, há 27 anos me casou com Clarice (Cainha). Tia Guida, todos aqui de casa, desejamos muitas felicidades, sempre acompanhada de muita saúde. Sabemos que você é o tipo da pessoa que vai aposentar a aposentadoria. Parabéns! Deus lhe abençoe... Joaquim De’Carli de Paula


- Pรกg. 16 -BRASIL 27 de Marรงo a 05 de Abril de 2014

www.jornalprimeirolance.com.br

Jornal Primeiro Lance

Jornal Primeiro Lance Edição 689  

Jornal de Leilões

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you