Page 1

REGULAMENTO INTERNO

1


REGULAMENTO INTERNO

I. Definição da Biblioteca ………………………………………………….pág.3 II.Objectivos da BE/CRE…………………………………………………..pág.4 III. Missão da Biblioteca Escolar………………………………………..….pág.5 IV. Organização/ Gestão da BE/CRE……………………………………….pág.6 V. Prioridades de acção da biblioteca……………………………………….pág.7 VI. A equipa…………………………………………………………………pág.8 VII. Espaço físico………………………………………………………….pág.10 VIII. Documentos orientadores da acção da biblioteca…………………....pág.11

2


REGULAMENTO INTERNO

I. Definição da Biblioteca A Biblioteca da Escola Secundária de Santa Maria é um espaço qualificado, aberto a toda a comunidade escolar, constituído por um conjunto de recursos físicos (instalações, equipamentos...), humano (professores, alunos, auxiliares da acção educativa...) e documentais (em suportes impressos, audiovisuais e informáticos) devidamente organizados. Faz parte do Programa da Rede de Bibliotecas Escolares e a equipa educativa implementa os seus princípios. A Biblioteca, parte integrante do processo educativo, é um pólo dinamizador da vida pedagógica da escola, uma vez que, para além de promover a igualdade de oportunidades e o consequente esbatimento de diferenças sociais, é também uma estrutura que coordena os diferentes saberes e as diversas áreas curriculares. É pois, uma estrutura inovadora capaz de acompanhar e impulsionar as mudanças nas práticas educativas, necessárias para proporcionar o acesso à informação e ao conhecimento e o seu uso, exigidos pela sociedade actual. Trata-se de um espaço que funciona dentro e para fora da escola. Desenvolve a sua acção em articulação não só com toda a escola, com os departamentos curriculares, directores de turma e professores em geral, como também com os encarregados de educação, nomeadamente através da associação de pais e ainda com a biblioteca municipal. A Biblioteca coordena a gestão e utilização dos recursos informativos e de conhecimento, essenciais ao desenvolvimento curricular e não curricular, bem como à formação integral do indivíduo, promovendo competências essenciais à Sociedade de Informação e ao paradigma educacional humanista, baseado em metodologias construtivistas da aprendizagem.

3


II. Objectivos da Biblioteca

São objectivos da Biblioteca: •

Desenvolver competências e hábitos de trabalho baseados na consulta, no

tratamento e na produção de informação, nomeadamente pesquisa, selecção, análise, crítica, produção e utilização de documentos em diferentes suportes; Apoiar e promover os objectivos educativos definidos de acordo com as finalidades e currículo da escola; •

Promover o gosto pela leitura como instrumento de trabalho, de desenvolvimento

da imaginação e ocupação de tempos livres; Criar e manter condições para a fruição da criação literária, científica e artística, proporcionando o desenvolvimento da capacidade crítica do indivíduo; Apoiar os alunos na aprendizagem e na prática de competências de avaliação e utilização da informação, independentemente da natureza e do suporte, tendo em conta as formas de comunicação no seio da comunidade; Providenciar acesso aos recursos locais, regionais, nacionais e globais e às oportunidades que confrontem os alunos com ideias, experiências e opiniões diversificadas; Organizar actividades que favoreçam a consciência e a sensibilização para as questões de ordem cultural e social; Trabalhar com alunos, professores, direcção e pais de modo a cumprir a missão da escola; Defender a ideia de que a liberdade intelectual e o acesso à informação são essenciais à construção de uma cidadania efectiva e responsável e à participação na democracia; •

Dotar a escola de uma colecção adequada às necessidades curriculares e interesses

dos utilizadores; •

Conservar, valorizar, promover e difundir a cultura;

Preparar os jovens para a frequência das bibliotecas.

4


III. Missão da Biblioteca Escolar É objectivo primordial da Biblioteca a promoção do sucesso escolar.

A biblioteca escolar deverá disponibilizar serviços de aprendizagem, livros e recursos que permitam a todos os membros da comunidade escolar tornarem-se pensadores críticos e utilizadores efectivos da informação em todos os suportes e meios de comunicação. É propósito eminentemente enformador da Biblioteca Escolar, proporcionar à comunidade educativa informação e contacto com ideias fundamentais para a concretização do sucesso na sociedade actual, baseada na informação e no conhecimento. A biblioteca deverá estimular a imaginação e o desenvolvimento da curiosidade intelectual, o gosto pelo saber, pelo trabalho e pelo estudo.

A biblioteca disponibilizará os seus serviços de igual modo a todos os membros da comunidade escolar, independentemente da idade, raça, sexo, religião, nacionalidade, e estatuto profissional ou social.

O acesso aos serviços e fundos documentais não deverá ser sujeito a nenhuma forma de censura ideológica, política ou religiosa ou a pressões comerciais, devendo o acervo da Biblioteca adequar-se às necessidades culturais e educativas dos utilizadores.

A biblioteca é considerada como um espaço privilegiado para o exercício de uma cidadania responsável. A sua correcta utilização, a partilha de recursos e espaços conduz à formação do indivíduo em sociedade e ao respeito pela propriedade pública.

5


IV. Organização/ Gestão da Biblioteca

A Biblioteca:

. possui condições que garantem o seu funcionamento, nomeadamente em termos de área e de distribuição de zonas funcionais; . possui normas de funcionamento; . orienta-se por um Plano de Acção, definido a médio ou longo prazo, que contempla a política documental, a gestão de recursos humanos e materiais e políticas concelhias; . apresenta, anualmente, um Plano de Actividades, decorrente do Plano de Acção, sujeito à aprovação do Conselho Pedagógico, devendo respeitar o Projecto Educativo da Escola, o Projecto Curricular de Escola, os objectivos definidos para o ano escolar, os objectivos gerais da BE e os recursos humanos, materiais e financeiros indispensáveis à sua concretização.

6


V. Prioridades de acção da biblioteca Os objectivos prioritários da Biblioteca constituem, a curto prazo, a linha orientadora da acção da equipa da Biblioteca e são um compromisso temporal entre a situação actual da Biblioteca, com as suas limitações e capacidades, e as metas do Projecto Educativo da Escola. Estes objectivos são definidos tendo também em conta o Projecto Curricular de Escola, as directivas e objectivos enunciados pela Rede de Bibliotecas Escolares e as indicações do Conselho Pedagógico da Escola. Os objectivos da Biblioteca deverão apresentar de modo claro e pragmático a linha de acção adoptada pela Biblioteca. A análise e eventual reformulação destes objectivos deverão ser feitas no final do ano lectivo, no relatório da Biblioteca.

7


VI. A equipa A equipa da biblioteca é constituída por um grupo de pessoas com funções educativas, orientadas por um professor bibliotecário, designado pelo Director da Escola, englobando um conjunto de docentes que asseguram as tarefas necessárias ao funcionamento da biblioteca, contando com a assessoria de três assistentes operacionais a tempo inteiro. Os docentes que integram esta equipa são designados pelo director da escola de entre os que dispõem de competências nos domínios pedagógico, de gestão de projectos, de gestão da informação, das ciências documentais e das tecnologias de informação e comunicação. Na constituição desta equipa deve ser ponderada a titularidade de formação de base que abranja as diferentes áreas do conhecimento de modo a permitir uma efectiva complementaridade de saberes. Os assistentes operacionais deverão possuir, sempre que possível, formação na área da organização, da informática, do tratamento do fundo documental e/ou experiência.

São competências específicas do Professor Bibliotecário: •

Gerir a Biblioteca, com apoio da equipa da biblioteca escolar;

Coordenar a equipa educativa da Biblioteca Escolar;

Representar a Biblioteca no Conselho Pedagógico;

Responsabilizar-se pelo Plano Anual da Biblioteca Escolar;

Propor à consideração da Direcção a nomeação de elementos para a equipa da

Biblioteca Escolar; •

Responsabilizar-se pelo Relatório Anual de Avaliação das Actividades da

Biblioteca Escolar.

São funções dos professores que constituem a equipa: •

Gerir, organizar e dinamizar a Biblioteca;

8


Idealizar, planificar e concretizar as actividades incluídas no plano de

actividades da Biblioteca; •

Participar no processo de selecção dos materiais a adquirir;

Apoiar os alunos nas actividades de consulta de materiais e pesquisa de

informação.

Para além das tarefas que mantêm o funcionamento diário da biblioteca a equipa responsável pela mesma deverá ainda ter uma acção activa na prossecução e concretização dos objectivos da Biblioteca e na concretização dos mesmos através do plano de actividades.

9


VII. Espaço físico A Biblioteca apresenta dois espaços fisicamente distintos que correspondem aos dois pisos da mesma. As duas salas apresentam várias valências, nomeadamente uma área de leitura e de estudo individual e uma área de leitura informal. No piso zero, há uma área destinada à informática.

10


VIII. Documentos orientadores da acção da biblioteca Para além do Regulamento Interno são ainda considerados documentos essenciais na gestão da Biblioteca os seguintes documentos

Normas de funcionamento Documento que regulamenta as funções dos membros da equipa da Biblioteca, horário de funcionamento, serviços disponibilizados, utilização dos recursos/espaços da Biblioteca e os direitos e deveres dos utilizadores.

Plano Anual de Actividades De elaboração anual pela equipa da biblioteca e sujeito a aprovação pelo Conselho Pedagógico no início do ano lectivo, define as áreas e objectivos prioritários de intervenção da Biblioteca, descreve os serviços prestados regularmente à comunidade educativa pela Biblioteca e apresenta as actividades programadas para o respectivo ano lectivo.

Horário da Biblioteca Deverá estar afixado em lugar visível, o horário de funcionamento da Biblioteca.

Documentos internos da Biblioteca Registos que contêm toda a informação relevante respeitante à organização da Biblioteca. Relatório final Cabe ao Professor bibliotecário redigir o relatório anual da acção da biblioteca, de acordo com as orientações emanadas da Rede de Bibliotecas Escolares.

Trata-se de um documento onde é avaliada a acção da Biblioteca de acordo com as prioridades apresentadas e as actividades desenvolvidas.

11

Regulamento Interno da Biblioteca  

Regulamento Interno da Biblioteca da Escola Secundária de Santa Maria, em Sintra, Portugal

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you