Issuu on Google+

Produção e Edição: Luiz Carlos Dias - email: lcdias@lcdias.com.br

Ano II - Nº 32 - 15 setembro 2012

DÓLAR ROTÁRIO para o mês de setembro de 2012: R$2,06 INFORMATIVOS ANTERIORES Para ler os Informativos anteriores, acesse aqui (todos os Informativos) ou o portal do Distrito 4570 (somente a partir do Informativo N° 26). SITES DE INTERESSE Rotary International | Fundação Rotária | Plano Visão de Futuro | Programas da FR | Sobre o PolioPlus Fundos da FR | Formas de Doar | Reconhecimentos da FR | Acesso ao Portal de RI | Distrito 4570 Revista Brasil Rotário

Preparando seu clube para os subsídios da Fundação Rotária em 2013

Prezados presidentes e presidentes eleitos de clube, e presidentes de Comissão da Fundação Rotária de clube em distritos não pilotos: Baixe a mais nova versão do documento Preparando seu clube para os subsídios da Fundação Rotária em 2013, o qual fornece um cronograma com as tarefas que o clube deverá realizar para poder solicitar os novos subsídios da Fundação a partir de 1° de julho de 2013. A palavra "NOVO" indica informações que foram alteradas ou incluídas desde a última versão. Visite a nova página do Visão de Futuro: www.rotary.org/pt/futurevision. Compartilhe estes recursos com os rotarianos em seu clube ou distrito. Se tiver alguma pergunta, envie e-mail para leadership.training@rotary.org. Obrigado por seus serviços em prol das comunidades de todo o mundo. Atenciosamente, John Hewko Secretário-geral Rotary International cc: Conselho Diretor do RI, Conselho de Curadores da Fundação Rotária, coordenadores regionais da Fundação Rotária, coordenadores do Rotary, coordenadores da imagem pública do Rotary, governadores de distrito, presidentes de Comissão Distrital da Fundação Rotária de 2012-13 e 2013-14, presidentes de Subcomissão Distrital de Subsídios, e instrutores distritais Central de atendimento da Fundação Rotária: 866-9ROTARY (+1-866-976-8279) | contact.center@rotary.org Rotary International | One Rotary Center | 1560 Sherman Avenue | Evanston | IL | 60201 | USA Contate o escritório internacional do RI Este e-mail foi enviado a jncarrozzino@gmail.com. Para modificar suas preferências, escolha a opção adequada: Modificar perfil/endereço de e-mail | Cancelar assinatura Clique aqui para saber mais sobre as normas de privacidade do Rotary International.


Calendário de Eventos da Governadoria Seminário Distrital

10 de Novembro/2012 (Sábado) - Fundação Rotária Coordenador: EGD José Nelson Carrozzino Filho - 2007/08 - RC de Copacabana Apoio: RC de Copacabana / RC RJ Ipanema / RC do Rio de Janeiro Palestrante: EGD Celso Gonçalves Alves 2008/09 - RC Cachoeiro do Itapemirim - ES - Distrito 4410

Subsídio Distrital do Distrito 4570 em 2011-2012 O Distrito 4570 realizou referente ao período 2011-2012, 12 (doze) projetos dentro do subsídio distrital #25921 da Fundação Rotária, com a participação direta de clubes do Distrito. Os Projetos, com seus objetivos plenamente alcançados, beneficiaram diversas instituições e comunidades da cidade do Rio de Janeiro e Grande Rio, assim distribuídos. 1 - Rotary Club Barra da Tijuca – Projeto Calçando a juventude carente – Projeto realizado para beneficiar as crianças, adolescentes e excepcionais assistidos pelo Educandário Lar de Frei Luiz, que fica situado a Estrada da Boiuna 1367 - Taquara, Rio de Janeiro. Foram beneficiadas pelo projeto 252 indivíduos, entre crianças e adolescentes.

2 – Rotary Club Belford Roxo Lote XV - Projeto capacitação em costura industrial – Projeto realizado com fornecimento de três máquinas de costura reta industrial, um computador e materiais de costura que serão utilizados no curso de capacitação em costura industrial para a comunidade carente da Vila Alzira e adjacências, beneficiando as mulheres da comunidade. O projeto teve a participação de três rotarianos como professores voluntários, responsáveis pelo orçamento e compra dos materiais e síntese do projeto. Serão beneficiados com o projeto 60 (sessenta) mulheres por semestre. No longo prazo o projeto impactará no aumento da renda familiar da comunidade, preparando as mulheres e capacitando-as para o mercado de trabalho no campo de costura industrial. 3 – RC RJ Mercado São Sebastião – Projeto tatame e equipamento de segurança para prática de karatê e dois monitores LCD. O projeto visa melhorar as condições de treinamento de jovens e adolescentes. Antes da realização do projeto o grupo beneficiado não possuía tatame; treinavam com os pés diretamente no chão, provocando, muitas das vezes, acidentes indesejáveis. Os poucos equipamentos de segurança individual que existiam eram usados somente em ocasiões especiais, como em competições. O projeto também propiciou a instalação de sala de informática na comunidade. Foram beneficiadas pelo projeto, diretamente, 100 alunos. O projeto atende mais de 100 pessoas na faixa etária de 04 a 55 anos, promovendo o bem estar social entre os moradores da comunidade, principalmente crianças e jovens, mantendo-os longe das ruas, das drogas e da violência, e mostrando um caminho alternativo através da prática do esporte. Importante ressaltar que o projeto existe há 12 anos, inclusive com participação dos alunos em campeonatos fora e dentro do Estado.Recentemente o grupo participou do V Campeonato Brasileiro de Karatê, em Taboão da Serra, São Paulo. A seguir o agradecimento do professor de karatê Leandro Lourenço. “Olá amigo Décio! Foi muito satisfatório nosso resultado no V Campeonato Brasileiro de Karatê em Taboão da Serra - SP, apesar do pouco número de atletas (somente 10) obtivemos: 03 medalhas de ouro, 03 medalhas de prata e 03 medalhas de bronze. Estou enviando as fotos dos nossos bons momentos, e agradeço pelo Rotary Club poder compartilhar junto


conosco esses momentos. Grande abraço, Sensei Leandro Lourenço” 4 – Rotaract Club RJ Tijuca, RC RJ São Cristovão e RC RJ Maracanã – Projeto Computadores e Impressora Multifuncional para o Centro Comunitário Lídia dos Santos (CEACA-Vila). O projeto visa equipar o Centro Comunitário Lídia dos Santos (Ceaca-Vila) que atua na Comunidade do Morro dos Macacos no bairro de Vila Isabel desde 1978, através da doação de computadores e de uma impressora multifuncional para apoiar os Programas de Informática que são voltados para a formação profissional, para a inclusão digital e social de crianças, jovens e adultos da comunidade. Participaram do projeto 10 dez rotarianos e rotaractianos do Rotaract Tijuca que visitaram a instituição beneficiada e se reuniram com seu corpo técnico para determinar as necessidades, as especificações dos equipamentos, realizar cotações de preços, compras, montagem e configuração dos equipamentos para uso. Serão beneficiados pelo projeto cerca de 4000 pessoas por ano. No longo prazo este projeto expande a capacidade de atendimento dos Programas de Informática realizados com sucesso pelo Ceaca - Vila, que capacitam e apoiam a inclusão digital de milhares de pessoas da comunidade. Espera-se que os efeitos deste projeto sejam sentidos no aumento de oportunidades de emprego e renda no curto, médio e longo prazos.

5 – RC Duque de Caxias Nilo Peçanha – Projeto parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. As crianças atendidas no Município de Duque de Caxias são portadoras de deficiências e recebem atendimento gratuito no Ambulatório de Desenvolvimento Infantil do Hospital Infantil Ismélia Silveira por uma equipe multiprofissional. 250 pessoas foram beneficiadas com o projeto dentre as quais, prioritariamente crianças com deficiências. As outras beneficiadas foram os profissionais da equipe do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil do Hospital Infantil Ismélia Silveira, que além dos equipamentos e materiais passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganho de maior espaço físico para os atendimentos. Um melhor tratamento das crianças com deficiências, por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para elas. Além disso, demonstra para a comunidade que o Rotary tem preocupação com esta parcela da população infanto-juvenil, que carece ainda de muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RC Duque de Caxias Nilo Peçanha, juntamente com a adesão de várias outras unidades rotárias do Distrito 4570, faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúde, Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram diretamente no projeto oito rotarianos com conhecimento das necessidades do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil através dos companheiros do RC RJ Paranapuã e da Dra. Juçara A. Dias dos Santos, coordenadora da equipe do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil, que fizeram em 2011 uma apresentação, com vídeo, em uma reunião do RC Duque de Caxias; elaboração do projeto, listagem de materiais e compra em fornecedores especializados e empenho direto dos presidentes Carlos Evangelista dos Santos Filho (2010-2011) e João Weslley Trigo Lage (2011-2012) e do tesoureiro. 6 – RC Duque de Caxias – Projeto de Parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Com o projeto foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional e Fonoaudiologia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. São crianças com deficiências no Município de Duque de Caxias que recebem atendimento gratuito no Ambulatório de Desenvolvimento Infantil do Hospital Infantil Ismélia Silveira por uma equipe multiprofissional. Foram beneficiadas pelo projeto 250 pessoas. As pessoas beneficiadas foram as crianças com deficiências, em primeiro lugar. As outras beneficiadas foram os profissionais da equipe do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil do Hospital Infantil Ismélia Silveira, que além dos equipamentos e materiais passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganho de maior espaço físico para os atendimentos. Um melhor tratamento das crianças com deficiências, por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para esta população infantil. Além disso, demonstra para a


muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RC Duque de Caxias faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúde, Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram ativamente do projeto 8 (oito) rotarianos, com o conhecimento das necessidades do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil através dos companheiros do RC RJ Paranapuã e da Dra. Juçara A. Dias dos Santos, coordenadora da equipe do Ambulatório de Desenvolvimento Infantil, que fizeram em 2011 uma apresentação, com vídeo, em uma reunião do RC Duque de Caxias; elaboração do projeto, listagem de materiais e compra em lojas especializadas e empenho dos presidentes Anselmo Suhett (2011-2012) e Djalma da Rocha Vaz Neto (2010-2011), secretário Antonio Joaquim Cunha e tesoureiro. 7 – RC RJ Bangu – Projeto Parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. São crianças com deficiências no Município do Rio de Janeiro que recebem atendimento gratuito no Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Dr. Mario Rodrigues Cid por uma equipe multiprofissional. Foram beneficiadas 150 pessoas, dentre as quais crianças com deficiências, em primeiro lugar. As outras beneficiadas foram os profissionais da equipe do NAIDI, que além dos equipamentos e materiais passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganhos. Um melhor tratamento das crianças com deficiências por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para esta população infantil. Além disso, demonstra para a comunidade que o Rotary tem preocupação com esta parcela da população infanto-juvenil, que carece ainda de muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RC RJ Bangu, juntamente com a adesão de várias outras unidades rotárias do Distrito 4570, faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúda, Ministério da Saúda, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram diretamente do projeto 9 (nove) rotarianos com as atribuições de conhecer as necessidades do Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Dr. Mario Rodrigues Cid através dos companheiros do RCRJ Paranapuã e da fonoaudióloga Catiuscia Sales de Souza, membro da equipe do NAIDI, que em 2011 fizeram uma apresentação, com vídeo, em uma reunião do RC RJ Campo Grande; elaborar o projeto, listar os materiais e comprá-los em lojas especializadas e, principalmente com o empenho dos presidentes Joaquim Cavalcanti. Viana Barbosa (2010-2011) e Eliane Felix Pereira (2011-2012), do companheiro Mario Gonçalves Chales e do tesoureiro. 8 – RC RJ Maracanã - Projeto Mobiliário para a Secretaria da Obra Social Santo Afonso e São Geraldo da Paróquia da Igreja Católica Santo Afonso. O projeto visa equipar a Secretaria da Obra Social Santo Afonso e São Geraldo da Paróquia da Igreja Católica Santo Afonso, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ através da doação de mobiliário projetado para suportar as atividades de assistência social desempenhadas nessa instituição. A Casa São Geraldo atende pessoas necessitadas, diariamente, com uma estrutura de profissionais voluntários que implementam atendimentos nas áreas de Psicologia, Atendimento Social, Orientação Jurídica, Arteterapia, Informática, Clínica Médica, Origami, Florais de Bach, Artesanato, Oficina de Costura, Nutricionista, Psiquiatria, Clube das Gestantes, Contadores de Histórias, Distribuição de Cestas Básicas e Alfabetização de Adultos. Além dos serviços prestados aos mais carentes, a Casa São Geraldo mantém um Banco de Medicamentos que é supervisionado por médico e farmacêutico, recebendo doações de medicamentos e os distribuindo gratuitamente para as pessoas atendidas na Casa. Este projeto reequipará a Secretaria, que desempenha a coordenação Administrativa da Casa São Geraldo, após sua sala ter sido alvo de vandalismo e furto. Participaram diretamente no projeto 15 (quinze) rotarianos do clube, que visitaram a instituição beneficiada e se reuniram com seu corpo técnico em várias oportunidades. Além das visitas técnicas, foram realizadas cotação de preços junto a vários fornecedores e, junto com representantes da instituição, foi escolhida a melhor proposta para o fornecimento dos itens. É esperado, com as melhores condições de trabalho e conforto para a equipe técnica, voluntários e pessoas atendidas, que sejam obtidos resultados no longo prazo, em especial com o aumento da eficiência administrativa e das atividades de assistência social ofertadas. Serão beneficiadas 5000 pessoas por ano.


9 – RC RJ Ramos e RC RJ Bonsucesso – Projeto Parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia e Musicoterapia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. São crianças com deficiências no Município do Rio de Janeiro que recebem atendimento gratuito no Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Maria Cristina Roma Paugartten por uma equipe multiprofissional. Foram beneficiadas 200 pessoas, prioritariamente as crianças com deficiências. Outros beneficiados foram os profissionais da equipe do NAIDI, que além dos equipamentos e materiais, passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganhos: uma pediatra, em futuro próximo, para integrar a equipe. Um melhor tratamento das crianças com deficiências, por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para elas. Além disso, demonstra para a comunidade que o Rotary tem preocupação com esta parcela da população infanto-juvenil, que carece ainda de muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RCRJ Ramos e o RCRJ Bonsucesso, juntamente com a adesão de várias outras unidades rotárias do Distrito 4570, através de projetos como este faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúde, Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram do projeto 6 (seis) rotarianos colaborando com conhecimento das necessidades do Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Maria Cristina Roma Paugartten através dos companheiros do RC RJ Paranapuã e da fonoaudióloga Patrícia Marinho Cordeiro, membro da equipe do NAIDI, que fizeram em uma reunião do clube uma apresentação, com vídeo; elaboração do projeto; listagem de materiais e compra em lojas especializadas juntamente com os companheiros do RC RJ Paranapuã e, principalmente o empenho dos presidentes das duas unidades rotárias e companheira Diva Esteves do RCRJ Bonsucesso. 10 – RC RJ Penha e RC RJ Vila da Penha – Projeto Parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia e Musicoterapia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. São crianças com deficiências no Município do Rio de Janeiro que recebem atendimento gratuito no Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Maria Cristina Roma Paugartten por uma equipe multiprofissional. Foram beneficiadas com o projeto 200 pessoas. As pessoas beneficiadas foram as crianças com deficiências, em primeiro lugar. As outras beneficiadas foram os profissionais da equipe do NAIDI, que além dos equipamentos e materiais, passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganhos: uma pediatra, em futuro próximo, para integrar a equipe. Um melhor tratamento das crianças com deficiências, por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para elas. Além disso, demonstra para a comunidade que o Rotary tem preocupação com esta parcela da população infanto-juvenil, que carece ainda de muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RCRJ Penha e o RCRJ Vila da Penha, juntamente com a adesão de várias outras unidades rotárias do Distrito 4570, faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúde, Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram diretamente do projeto 7 (sete) rotarianos com conhecimento das necessidades do Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Maria Cristina Roma Paugartten através dos companheiros do RC RJ Paranapuã e da fonoaudióloga Patrícia Marinho Cordeiro, membro da equipe do NAIDI, que fizeram em uma reunião do clube uma apresentação, com vídeo; elaboração do projeto, listagem de materiais e compra em lojas especializadas juntamente com os companheiros do RC RJ Paranapuã e empenho principalmente dos presidentes das duas unidades rotárias e companheira Andrea de Souza Silva do RC RJ Vila da Penha. 11 – Rotary RJ Ilha do Governador – Projeto Filtros de água (bebedouros) para a escola Municipal Rotary Club. O projeto visa equipar a Escola Especial Municipal Rotary Club, na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, RJ com a doação de filtros de água (bebedouros) para garantia de uso de água potável com qualidade para a escola. A Escola Especial Municipal Rotary Club atende 154 (cento e cinqüenta e quatro) crianças portadoras de necessidades especiais. Os filtros doados têm como objetivo garantir o fornecimento de água potável com qualidade para as crianças portadoras de necessidades especiais atendidas pela escola e também para uso pelos professores e membros da equipe administrativa da escola. Participaram diretamente no projeto 12 (doze) rotarianos das Comissões de Serviços à Comunidade e de Projetos de Prestação de Serviços do clube que visitaram a instituição beneficiada para levantamento de necessidades junto à direção e professores da escola, em várias oportunidades. Uma vez identificadas as necessidades mais imediatas da escola foram realizadas cotações de preços junto a vários fornecedores e junto com a direção da escola foram escolhidos os equipamentos que melhor se adequavam às demandas, sendo escolhida a melhor proposta em termos financeiros, para fornecimento dos filtros. Foram beneficiadas 180 (cento e oitenta) pessoas. Os bebedouros deverão ter seus elementos filtrantes trocados a cada seis meses, sendo a responsabilidade pela troca atribuída à direção da equipe de manutenção da escola. Para garantir que a doação realizada atenda no longo prazo as demandas da escola, as Comissões de Serviços à Comunidade e de Projetos de Prestação de Serviços


do Rotary RJ Ilha do Governador firmaram com a escola acordo no sentido de supervisionar o uso dos bebedouros e a correta troca dos elementos filtrantes nos prazos recomendados pelos fornecedores dos equipamentos. Tal supervisão será realizada por rotarianos designados pelas respectivas comissões para o fim de fiscalização de troca de elementos filtrantes dos bebedouros. Assim, é esperado que o objetivo do projeto seja atendido com as melhores condições de uso dos equipamentos doados, trazendo garantia de qualidade da água potável em uso na escola, reduzindo a possibilidade de incidência de contaminação por uso de água não adequada. 12 – RC RJ Campo Grande – Projeto Parceria na rede cooperativa de reabilitação de crianças com deficiências do RJ. Foram fornecidos materiais e equipamentos necessários para atendimento em Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia para tratamento de crianças com deficiência física, visual, auditiva e/ou intelectual. São crianças com deficiências no Município do Rio de Janeiro que recebem atendimento gratuito no Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Dr. Mario Rodrigues Cid por uma equipe multiprofissional. Foram beneficiadas 150 (cento e cinqüenta) pessoas, sendo as crianças com deficiências, em primeiro lugar. As outras beneficiadas foram os profissionais da equipe do NAIDI, que além dos equipamentos e materiais, passaram a receber maior atenção por parte da Direção, motivada por essa ação do Rotary, resultando assim em ganhos. Um melhor tratamento das crianças com deficiências, por profissionais muito mais motivados agora com maiores e melhores recursos materiais para o trabalho, significa melhor qualidade de vida para esta população infantil. Além disso, demonstra para a comunidade que o Rotary tem preocupação com esta parcela da população infanto-juvenil, que carece ainda de muita atenção por parte do sistema de saúde pública. O RC RJ Campo Grande, juntamente com a adesão de várias outras unidades rotárias do Distrito 4570, faz parte da rede cooperativa para o atendimento de crianças com risco e/ou com deficiências na rede pública de saúde do Rio de Janeiro, como um dos componentes das parcerias interinstitucionais (ao lado das Secretarias de Saúde, Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro entre outros). Participaram do projeto 6 (seis) rotarianos com levantamento das necessidades do Núcleo de Atenção Interdisciplinar ao Desenvolvimento Infantil (NAIDI) do Centro Municipal de Saúde Dr. Mario Rodrigues Cid através dos companheiros do RC RJ Paranapuã e da fonoaudióloga Catiuscia Sales de Souza, membro da equipe do NAIDI, que em 2011 fizeram uma apresentação, com vídeo, em uma reunião do clube; elaboração do projeto, listagem de materiais e procura em lojas específicas e empenho principalmente dos presidentes Celina Moreira da Cruz (2010-2011) e Júlio Cesar da Rocha Magalhães, EGD José Roberto Lebeis Pires e do tesoureiro.

Rotary Club de Itu promove treinamento aos novos intercambistas Fonte: itu.com.br

O Rotary Club de Itu realizou, nos dias 31 de agosto e 01 e 02 de setembro, o treinamento e orientação aos novos intercambistas estrangeiros do distrito 4310, distrito este que abrange 47 Rotarys Clubs em várias cidades de nossa região. Estes jovens fazem parte do projeto de Intercambio de Jovens do Rotary International, onde o participante passará um período morando com famílias anfitriãs e frequentando escola em um país estrangeiro. Através de programas de curta ou longa duração, aprenderá um novo modo de vida e uma nova língua, e descobrirá muito sobre si mesmo. Atuará também como um jovem embaixador, ensinando as pessoas como se vive em seu país, suas tradições culturais e suas idéias, contribuindo para um mundo mais unido e, além disso, fazendo amigos. Há mais de 75 anos, o Rotary ajuda estudantes e famílias a expandir seus horizontes através do Intercâmbio de Jovens. Todos Jovens fazem parte do projeto de Intercambio de os anos, 80 países e cerca de 8.000 estudantes participam do Jovens do Rotary International programa, que é administrado pelos distritos e clubes rotários. O programa é administrado por voluntários dos clubes, o que ajuda a reduzir os custos para os estudantes e suas famílias. Esses voluntários têm muita experiência e lidam há anos com estudantes, famílias anfitriãs e demais rotarianos engajados em intercâmbios. Descubra que países participam do programa contatando rotarianos. Leia mais aqui.

Quatro maneiras de promover a paz Fonte: Rotary Leader, setembro 2012 e Blog do Distrito 4750

Este ano comemoramos o 10º aniversário dos Centros Rotary pela Paz, nos quais já se formaram mais de 600 bolsistas. O programa conta com sete centros em todo o mundo, incluindo a Uppsala University, na Suécia, que este mês receberá sua primeira turma de bolsistas. Patrocinar um bolsista ajuda a assegurar o sucesso do programa no futuro. Daniel Sturgeon, associado do Rotary E-club de Southwest, EUA, e Bolsista Rotary pela Paz em 2004-06 na International Christian University, em Tóquio, já recrutou seis candidatos e todos foram aceitos no programa. Ele também incentiva ex-bolsistas a se associarem a Rotary Clubs.


As inscrições aprovadas pelo distrito para 2014 devem ser apresentadas à Fundação até 1° de julho. Abaixo estão quatro dicas para ajudá-lo a encontrar candidatos em sua comunidade. 1. Envolva a mídia. Envie comunicados à mídia local e peça que promovam os Centros Rotary pela Paz e o prazo de inscrição ao programa. Escreva cartas ao editor PORTAL DE RI destacando a necessidade de paz nos dias de hoje, o trabalho dos Atualize suas informações Centros Rotary e dos ex-bolsistas. de contato no Portal 2. Informe a comunidade. Organize sessões informativas e A partir de 26 de junho, os convide os membros da comunidade. Um atual ou ex-bolsista rotarianos já podem atualizar pode servir como palestrante, e você pode mostrar os vídeos suas informações de contato na Construindo a Paz e Praticando a Paz. Obtenha permissão de seção Minha Conta, antigo Meu universidades para distribuir folhetos ou colocar materiais Perfil. Além disso, será possível promocionais em seus campi. alterar senhas e gerenciar 3. Faça apresentações em outros Rotary Clubs. Compartilhe assinaturas de newsletters. suas experiências com outros Rotary Clubs de seu distrito ou região. Faça dos Centros Rotary pela Paz parte da meta de seu clube no programa fórum pela paz de seu clube e seja reconhecido com o Prêmio Distrital de Promoção da Paz. 4. Divulgue. Promova o programa em sites como Facebook and Twitter, além do site e boletim do clube ou distrito. Inclua links da página dos Centros Rotary pela Paz no Facebook e incentive os associados a se cadastrarem para receber o boletim Peace Net. Incentive os associados de seu clube a participarem de um dos três Fóruns pela Paz Global, que têm como destaque o Lema do presidente do RI Sakuji Tanaka, Paz Através do Servir.

Fundação Rotária homenageia D 4510 por contribuição Fonte: Site do Distrito 4510

O Distrito 4510 do Rotary International, na região centro-oeste do interior do Estado de São Paulo, foi homenageado pela Fundação Rotária, pela captação de US$ 191.368,47 durante a gestão 2011-12, encerrada no mês de junho. O Governador do D4510 de RI, da gestão passada, o SUSTENTABILIDADE DE jornalista Márcio Medeiros, recebeu a homenagem em evento realizado no 35º PROJETOS E Instituto Rotary Brasil, que acontece na cidade de Vitória (ES), nas ATIVIDADES dependências do Hotel Golden Tullip, nas presenças de centenas de dirigentes O módulo de e-learning do Brasil e do exterior. “Foi um lembrança singela de todo o esforço do nosso Sustentabilidade de distrito”, disse o dirigente ao ser parabenizado por representantes do Rotary Projetos e Atividades International e da Fundação Rotária. ressalta a importância da Para o dirigente rotário foi um trabalho difícil em transmitir aos rotarianos da sustentabilidade em região a importância em contribuir para a Fundação Rotária. “Muitos clubes projetos, inclusive como promovem atividades para conseguir recursos imediatos, para colaborar com garantir que isto ocorra. determinadas entidades locais”, disse Márcio Medeiros que procurou ao longo Consulte! dos 12 meses da gestão 2011-12, fazer com que houvesse um maior comprometimento com a fundação que é dos rotarianos. “Ainda existem rotarianos que por não desfrutarem dos programas da Fundação Rotária, não consideram importante contribuir para a entidade que promove todas as ações da instituição criada pelos rotarianos e para os rotarianos”, falou. Os cinco principais clubes do Distrito 4510 do Rotary International que colaboraram com contribuições consideráveis foram três da cidade de Marília (RC de Marília de Dirceu, RC de Marília Pioneiro e RC de Marília Leste) e dois da cidade de Presidente Prudente (RC de Presidente Prudente Leste e RC de Presidente Prudente Oeste). “Esses cinco clubes foram responsáveis por quase 40 mil dólares”, recordou o dirigente ao observar a relação dos 66 clubes existentes no Distrito 4510 do Rotary International. “No entanto precisamos trabalhar de forma mais intensa na conscientização, para que todos contribuam”, disse o dirigente ao observar 16 clubes que não conseguiram atingir mil dólares de contribuição. Para Márcio Medeiros os recursos encaminhados para a Fundação Rotária possibilitam investimentos em dezenas de programas estruturados, bem como na realização de intercâmbios profissionais e direcionamento de recursos para projetos apresentados por clubes rotários, beneficiando a comunidade local. “Trata-se de uma situação em que é preciso contribuir, e existem diversas formas para isso, e ao mesmo tempo utilizar os recursos disponíveis, dentro das regras estabelecidas”, comentou. “A maioria dos clubes mais contribuem e deixam de utilizar os recursos disponíveis, por não requisitá-los”, lamentou o dirigente que está trabalhando para que o quadro se inverta. “Vamos capacitar o rotariano para que ele utilize os programas e projetos da Fundação Rotária”, disse.

Intercâmbio Rotário da Amizade - D. 4570 - D. 3000 O programa Intercâmbio Rotário da Amizade permite que rotarianos e seus familiares visitem rotarianos de outras partes do mundo e os recebam em suas casas. Além de possibilitar vivenciar outras culturas e fazer amizades duradouras, intercâmbios são a base para o desenvolvimento de atividades e projetos de prestação de serviços internacionais. Metas A principal meta do Intercâmbio Rotário da Amizade é aumentar a compreensão e boa vontade internacional entre cidadãos de diferentes países. Além disso, participantes do intercâmbio podem:


• Ver como suas profissões são praticadas em outras partes do mundo. • Observar novos costumes e culturas. • Promover apreciação pela diversidade cultural internacional. Muitos distritos rotários em todo o mundo - inclusive vários brasileiros - disfrutam de intenso companheirismo durante uma, duas ou três semanas, através do Intercâmbio Rotário da Amizade, durante o qual conhecem a cultura, a vida e o povo do país e principalmente da região visitados. Distrito 3000 de Rotary International Em maio de 2007 o Distrito 4670 (Rio Grande do Sul) teve como seu parceiro no programa de IGE o Distrito 3000, localizado no sul da Índia - estado de Tamil Nadu. Este foi indubitavelmente um dos melhores grupos - senão o melhor já recebidos no distrito, em todos os aspectos: interesse pelos programas, interação com as famílias hospedeiras, participação, etc.. Depois da partida do grupo, várias das famílias hospedeiras procuraram a coordenação do IGE para se inscreverem como hospedeiras do grupo seguinte, tamanha a satisfação que sentiram em receber os membros do grupo. Por sua vez, a maioria dos integrantes do grupo indiano, assim como do lado dos brasileiros, ingressou em Rotary após o retorno do grupo. Um dos integrantes do grupo indiano assim sua experiência através de um testemunho publicado no site de seu clube: “Sou um ex-integrante do programa de IGE, agora rotariano do Rotary Club de Tiruchirappalli, Distrito 3000. Após meu programa no Distrito 4670, me sinto um cidadão do mundo. Agora tenho parentes em outro país (Brazil). O IGE promove melhor compreensão das diferentes culturas de diferentes povos e através dele estamos realmente promovendo a paz mundial.” Este mesmo distrito está agora propondo uma parceria para o Intercâmbio Rotário da Amizade com o Distrito 4570. Nosso grupo, que deve ser composto por até 5 casais de rotarianos, será recebido no Distrito 3000 no período de 09 a 20 de janeiro de 2013, ocasião em que acontecerá a Conferência Distrital daquele distrito. O D. 3000 compreende 8 Regiões Distritais no estado de Tamil Nadu, com 75 clubes e mais de 3.000 associados. O estado de Tamil Nadu é conhecido por seu rico patrimônio, sua arte e arquitetura, e a culinária regional certamente proporciona uma experiência inesquecível. Entre os muitos locais a serem visitados durante a viagem certamente está o Grande Templo de Thanjavur, ou Rajarajeeswaram, construído há mais de 1000 anos, que representa apenas uma de muitas estruturas semelhantes existentes na região, muitas delas declaradas Patrimônio da Humandidade pela UNESCO. Além disto ocorrem no período vários festivais, tais como o Pongal - festival da Colheita. Caso se interesse em participar deste intercâmbio, favor contatar o EGD Eduardo Muniz Werneck (RC Rio de Janeiro) pelos telefones (21) 3217-3667 ou 7493-5988, ou e-mail ewerneck@yahoo.com.

Colina recebe intercambiários dos EUA e França Fonte: Jornal O Colinense

Dois intercambiários da Fundação Rotária chegaram a Colina no mês de agosto para passar uma temporada de 11 meses no Brasil, aprendendo a língua, tradição e costumes nacionais. Entre os motivos para escolher o Brasil os dois citaram a beleza das praias brasileiras, que são famosas em todo mundo. A primeira a desembarcar em solo brasileiro foi a norte-americana Virginia Nelson, 17 anos, que é natural de Cristal Lake, no estado de Ilinois. O francês Théo Hartin tem 16 anos e mora em Lyon. As barreiras da comunicação são superadas dia-a-dia já que os dois estão hospedados na casa de colinenses e estudando no Colégio Cecília Meireles. Leia mais aqui.

Informações sobre o mundo da Fundação Rotária - Government decides to launch Polio Plus programme in FATA with security – Fonte: The Lahore Times - World Polio Day is 24 October, but you don’t have to wait until then to take action. Visit the new End Polio Now website today to add your name to Rotary’s message urging world leaders at the United Nations General Assembly in September to fund the fight against polio. - Sheboygan Rotary Foundation awards $15,500 to local service organizations – Fonte: sheboyganpress.com ADR - Associação Distrital de Rotary - Distrito 4570 de Rotary International Rua do Mercado, 34 - Sala 1601- CEP 20010-120 Tel.: 21-2233-1305 / 2203-2823 / 2203-2824 Site: http://www.rotary4570.org.br - Email: adr@rotary4570.org.br Produção e Edição: Luiz Carlos Dias - lcdias@lcdias.com.br


Informativo sobre a Fundação Rotária N° 32