Page 1

09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:22 Página 1

N.º 9 | Janeiro 2014

INATEL celebra a Dieta Mediterrânica Portugal conquistou, no passado dia 4 de dezembro, a segunda inscrição, depois do fado, na lista do Património Imaterial da Humanidade com a dieta mediterrânica. A Fundação INATEL comemora o acontecimento, no dia 25 de janeiro, com uma ementa dedicada à dieta mediterrânica em todas as suas Unidades Hoteleiras.

Desporto Praticar yoga no ginásio da Agência de Setúbal

Viagens A festa maior do Carnaval de Veneza

Hotelaria Momentos inesquecíveis no Palace S. Pedro do Sul Hotel

VIAGENS DE CARNAVAL // Nacionais e Internacionais // fevereiro e março


PAG-Inteira_-_DiasTranquilos_20dez2013.pdf 2 20-12-2013 08:50:10


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:22 Página 3

TL Janeiro 2014 // FUNDAÇÃO INATEL // 3 // SUMÁRIO

4 Notícias

6

// EDITORIAL

A Restauração INATEL celebra a Dieta Mediterrânica portuguesa

Espaço do Associado: Banda da Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento

8 Cultura: Encontro de Bandas em Gondomar

10 Desporto: Aulas de Yoga em Setúbal

12 Tema de capa: Dieta Mediterrânica

14 Viagens: Carnaval de Veneza

E

sta edição do TL convida-o à celebração da elevação da Dieta Mediterrânica portuguesa a Património Imaterial da Humanidade com a restauração INATEL. Como se sabe, o conceito de dieta mediterrânica baseia-se num conjunto de tradições alimentares de países da região mediterrânica, que incluem essencialmente azeitonas e azeite, grãos inteiros, especialmente em pães e cereais em vez de massas, pouca carne vermelha, peixe e mariscos em abundância, queijos, mas pouco leite, muitos vegetais, legumes e frutos secos, e vinho tinto. Ou seja, uma dieta de alimentos ricos em gordura monoinsaturada do azeite, que ajuda a manter as artérias saudáveis, tendo uma incidência menor em doenças cardiovasculares e cancro. Este efeito deve-se à complexidade nutricional da dieta como um todo e não apenas ao uso de azeite, nomeadamente por ser muito rica em fibras e antioxidantes derivados de vegetais, legumes e frutos e pobre em gorduras saturadas. A restauração INATEL propôs desde as suas origens muito da dieta que agora chamamos mediterrânica. As refeições “substanciais, higiénicas e a preços módicos”, como então se escrevia e a FNAT praticava nas suas colónias de férias e refeitórios sociais continham muito dos ingredientes que hoje valorizamos como dieta mais saudável.

Com o correr dos tempos incorporaram-se na restauração da nossa hotelaria diversos elementos com origem em outros hábitos alimentares, que a enriqueceram certamente do ponto de vista gastronómico mas não necessariamente do ponto de vista dietético! Todavia, a matriz mediterrânica permanece viva na nossa restauração e, por isso, temos uma dupla legitimidade para celebrarmos o feito: desde logo porque a Fundação foi um parceiro ativo da candidatura a Património Imaterial da Humanidade; além disso, porque a gastronomia INATEL tem no seu “ADN” os princípios fundamentais da Dieta Mediterrânica. Caro leitor: Espero que venha celebrar connosco no próximo dia 25 de Janeiro a elevação da Dieta Mediterrânica portuguesa a Património Imaterial da Humanidade, na unidade hoteleira mais próxima de si. Em todas as unidades hoteleiras da Fundação encontrará a mesma ementa comemorativa da Dieta Mediterrânica, que poderá desfrutar em ambiente amigo, pontuado por agradáveis eventos festivos e com a qualidade INATEL de sempre. Boa leitura, bom apetite e Bom Ano Novo. n

Presidente da Fundação INATEL

16 Hotelaria: Palace S. Pedro do Sul Hotel

// TOME NOTA

18

“A NOITE” CONTINUA

Social: INATEL na “Portugal

“A Noite”, o primeiro texto teatral de Saramago, com

Maior”

adaptação de Paulo Sousa Costa e encenação de José Carlos Garcia, estreado no passado dia 7 de

20/21

novembro, no Teatro da Trindade, ultrapassou

Em cena e Ecrãs: espetáculos e

largamente o número de cinco mil espectadores. O

novos filmes em cartaz

espetáculo, a pedido do público, vai continuar em cena até dia 19 de janeiro, na sala principal do

22

Trindade.

Motor; Palavras Cruzadas;

O êxito desta peça dramático-histórica sobre a

também ao desempenho do elenco, constituído por

Sugestões

ditadura, os jogos de poder que envolvem a política

Fábio Alves, Filipe Crawford, João Lagarto, Joana

e as relações de trabalho, na redação de um jornal,

Santos, Paulo Pires, Pedro Lima, Samuel Alves,

na noite de véspera do 25 de abril de 1974, deve-se

Sofia Sá da Bandeira e Vítor Norte.

Jornal Mensal e-mail: tl@inatel.pt | Propriedade da Fundação INATEL Presidente do Conselho de Administração: Fernando Ribeiro Mendes Vice-Presidente: José Manuel Soares; Vogais: Jacinta Oliveira e Álvaro Carneiro Sede da Fundação: Calçada de Sant’Ana, 180, 1169-062 LISBOA, Tel. 210027000 Nº Pessoa Colectiva: 500122237 Diretor: Fernando Ribeiro Mendes Coordenadora de edição: Teresa Joel Logótipo: Fernanda Soares Design: José Souto Fotografia: Isabel Santiago Henriques Redação: Calçada de Sant’Ana, 180 – 1169062 LISBOA, Telef. 210027000 Colaboradores: Carlos Blanco, João Freitas Ferreira, Joaquim Diabinho, Joaquim Paulo Nogueira, José Baptista de Sousa, José Lattas, Patrícia Ribeiro. Publicidade: Direção de Marketing/Vanda Gaspar Tel. 210072392; Impressão: FLAT FIELD, Marketing e Promoções Lda., Campo Raso – 2710-139 Sintra – tel. 214345400 Dep. Legal: 41725/90. Registo de propriedade na D.G.C.S. nº 114484 Preço: 1,00 euro Tiragem deste número: 90.879 exemplares


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:22 Página 4

4 // FUNDAÇÃO INATEL // TL Janeiro 2014

Natal no Trindade

P

ara celebrar a quadra natalícia, os filhos dos trabalhadores da Fundação assistiram ao musical “Zorro! É Tempo de ser Herói”, no passado dia 15 de dezembro, no Teatro da Trindade. No final, teve lugar um convívio com o elenco do espetáculo que incluiu sessões fotográficas junto

dos protagonistas Cláudia Vieira e Manuel Moreira. Assistiu ao evento a vogal do conselho de Administração, Jacinta Oliveira, que transmitiu os votos de “Feliz Natal”. A festa encerrou com a distribuição de pequenos presentes a todas as crianças que assistiram ao espetáculo. n

Aniversário da Agência de Leiria

A

comemoração do 69º aniversário da agência INATEL, em Leiria, teve lugar no auditório da Filarmónica de Chãs, em Regueira de Pontes, em dezembro último, com um espetáculo que pretendeu homenagear o movimento associativo, e apoiar a Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral de Leiria, com a recolha de cerca de 750 euros de receitas. A iniciativa teve a participação

de diversos CCD, entre outros, o Grupo de Teatro TE-ATO, Escola de Música e Grupo de Teatro do Sport Operário Marinhense, Escola de Dança Stacatto, Escola de Música e Filarmónica de Chãs. O presidente da Fundação INATEL, Fernando Ribeiro Mendes, autarcas e numerosos representantes do universo associativo da região Centro estiveram presentes na comemoração. n

14 fevereiro 2014

dia dos namorados Viva momentos românticos nas nossas unidades hoteleiras. Temos um presente para si! LINHA DE APOIO HOTELARIA Tel. 210 072 387


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 5

TL Janeiro 2014 // FUNDAÇÃO INATEL // 5

// COLUNA DO PROVEDOR

Agência INATEL inaugurada em Viseu

A

inda em dezembro, as novas instalações da agência em Viseu, na Avenida Calouste Gulbenkian, foram oficialmente inauguradas pelo presidente do conselho de administração, Fernando Ribeiro Mendes, e pelo vereador do executivo viseense, João Paulo Gouveia, numa cerimónia que contou com a presença de diversas personalidades. No ato, João Paulo Gouveia salientou que a INATEL fica “melhor servida com as instalações praticamente no coração da cidade”, por seu turno, Fernando Ribeiro Mendes, na sua intervenção, destacou “a melhoria do serviço, não apenas aos associados, mas também a todos aqueles que estão

Kalidás Barreto provedor@inatel.pt

A

interessados em conhecer melhor a Fundação”. A cedência do novo espaço, no antigo posto de turismo, resulta de

um protocolo de colaboração celebrado com a câmara municipal, subscrito no passado mês de setembro. n

Prémios INATEL Novos Textos

O

Teatro Bar do Trindade foi palco da entrega de prémios do Concurso INATEL /Teatro Novos Textos, aos textos originais selecionados pelo júri, constituído por Carmen Santos, Bruno Schiappa e Paulo Oom, no passado dia 17 de dezembro. O Grande Prémio foi atribuído a Linda Rodrigues, pelo texto “Mortos de Fome”. Na categoria Prémio Miguel Rovisco, venceu Sofia Vasconcellos e Sá, com a peça “É insuportável que me beijes quando quero dormir”. O júri resolveu, ainda, atribuir duas menções honrosas aos textos “Por favor não esqueçam o Alberto”, de António Pereira da Costa, e “O Menino da

50

na Anos EL INAT

Burra”, de Luís Campião. Os prémios foram entregues pela vogal do conselho de admi-

nistração, Jacinta Oliveira, e pelo diretor do Teatro da Trindade, Rui Sérgio.

o iniciarmos um novo ano transportando apelos a possuirmos, finalmente, um mundo solidário, são mensagens saudáveis. A morte de Mandela, no final do ano, ainda que esperada, deixou um sentimento de esperança num mundo melhor capaz de tornar os homens livres e fraternos. Haverá algumas mensagens e presenças hipócritas, mas creio que a dignidade do exemplo de um homem que lutou pela liberdade sem aguardar homenagens nem se poupando a sacrifícios, deixou marca! O egoísmo ainda prevalece pelo que a mensagem de Mandela tem cabimento. Como me lembrava um associado: neste nosso país à beira-mar plantado e de diferenças sociais, uns com gastos extraordinários, outros lutando por um salário que já não chega para alimentar os filhos. É urgente que o otimismo regresse ao nosso país velhinho de nove séculos e que “deram novos mundos ao mundo”. Tudo o que Portugal precisa é de exemplos positivos, de pessoas capazes de viver os seus sonhos e de lutar por dias melhores para as suas vidas. Só os inaptos e vencidos é que não acreditam que a utopia de hoje será o mundo melhor de amanhã.

Completam, no mês de janeiro, 50 anos de ligação à Fundação INATEL os associados: Américo Santos Pena, de Queluz; Carlos Brito Gonçalves, João Correia Pinto, Olinda Manuel Simões, de Lisboa; Francisco Custódio Gesaro, de Vendas Novas; Jorge Rodrigues Franco, da Amadora; José Carlos Ruas, de Mafra.


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 6

6 // ESPAÇO DO ASSOCIADO // TL Janeiro 2014

CCD INATEL

Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento A Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento teve a sua origem na Banda de Música do Grupo nº 84 da Associação de Escuteiros de Portugal, fundada em 17 de março de 1935.

T

eve períodos de grande atividade, sobretudo nas décadas de 40 e 50, e de declínio e inatividade nos anos 70, vindo a ressurgir na década de 80. Com o objetivo principal de dar continuidade à Banda, em 20 de fevereiro de 1984, foi constituída a Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento (AFCE), e CCD INATEL desde 1995. Dotada de uma Escola de Música e apostando permanentemente na iniciação e formação musical, mantém atualmente uma faixa etária bastante reduzida nos seus elementos. A importância do desenvolvimento artístico para a formação pessoal dos nossos alunos está bem patente na elevada percentagem de músicos da banda que frequentam e terminam o ensino superior nas mais diversas áreas, nomeadamente, na área musical.

No sentido de aumentar o grau qualitativo do ensino da música, a AFCE tem investido gradualmente em professores com habilitações e qualidades pedagógicas reconhecidas, capazes de proporcionar aos seus alunos uma formação técnica e pessoal sólida e, simultaneamente, uma perspetiva moderna do mundo musical. O maestro da Banda da Associação Filarmónica e Cultural do Entroncamento, José Carlos Gameiro, desempenhou também, até 2010, as funções de coordenação pedagógica da Escola de Música e coordenação do Projeto de Expressão Musical para o primeiro ciclo de estudos. A Banda tem apostado na divulgação da sua atividade e na formação de novos públicos, promovendo concertos pedagógicos e animações nas escolas do concelho e tem integrado as datas comemo-

A Banda tem apostado na divulgação da sua atividade e na formação de novos públicos, promovendo concertos pedagógicos e animações nas escolas do concelho

rativas e festivas da cidade, participando em diversas festas tradicionais e religiosas. Tem também promovido e sido convidada a integrar vários encontros de Bandas civis. Dos diversos Encontros de Bandas e eventos em que tem participado destacam-se a participação no 2º Concurso Internacional de Bandas do Ateneu Vilafranquense, e o Concurso Nacional “Encontrão”, promovido pela Fundação INATEL, em 2006, no qual obteve o 2º lugar. No passado dia 23 de novembro, integrou o elenco de treze Bandas que completaram o cartaz do Encontro de Bandas Fundação INATEL/ Banda Sinfónica Portuguesa, no Pavilhão Multiusos de Gondomar, onde atuou para mais de 1500 espectadores. Esta experiência foi para esta Banda fantástica pela partilha que pode realizar com outras congéneres. n


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 7

TL Janeiro 2014 // ESPAÇO DO ASSOCIADO // 7 // À CONVERSA COM...

Segurança e tranquilidade (estávamos nos anos sessenta, não esquecer), a um custo simbólico e… podia então namorar!”. Depois, já casado com Vicência Velez Rosa, também associada desde 1975, tiveram a motivação de usufruir das “Colónias” e dos parques de campismo, para passar as férias de verão. Atualmente utilizam, com muita frequência, os vários programas da Fundação, nomeadamente, os sociais com destaque para os de Saúde e Termalismo Sénior, “com Nesta edição, o TL conversou

grandes proveitos na saúde e

com Wilson Paulo Henriques,

bem-estar. Pena que os destinos

16 anos, inscrito desde outubro

atribuídos a Setúbal, por vezes,

último, como associado

sejam tão parcos. Mas viajar

equiparado, na Agência de

com a INATEL pressupõe rigor,

Setúbal, para participar no

segurança e muita

campeonato distrital de futebol,

tranquilidade”. Com a

em representação do Centro

participação nestes programas,

Cultural Desportivo e Recreativo

para além dos benefícios

Curvas. Para Wilson Paulo a

inerentes para a saúde, teve a

INATEL “significa uma

possibilidade de participar em

comunidade desportiva, onde

vários concursos de fotografia,

posso praticar o desporto que

com algum êxito nos resultados

mais gosto. Ainda não tenho

em 2008, 2010 e 2012. E tem,

conhecimento dos diversos

ainda, participado em Concursos

serviços da Fundação, pois

de Artes Plásticas, onde já teve

participar nas atividades

um trabalho selecionado e

desportivas da INATEL era o

exposto no Teatro da Trindade,

que mais me interessava e estou

em 2006. António Rosa

satisfeito”.

considera que “tem sido bom ser

Conversamos, também, com

associado, meio século depois

António Quaresma Rosa, 75

daquela inscrição em 1961”.

anos, associado desde 1961, entusiasmado “por uma questão romântica”, que permanece viva na memória. “Vivia – recorda – em Setúbal, porém a minha namorada Vicência morava em Lisboa, por isso, as instalações da Calçada de Sant’Ana permitiam-me passar o final de semana


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 8

8 // CULTURA // TL Janeiro 2014

Encontro de Bandas INATEL

Concurso Vídeo INATEL

O Pavilhão Multiusos de Gondomar foi palco do Encontro de Bandas INATEL/ Banda Sinfónica Portuguesa, nos dias de 23 e 24 de novembro.

A mostra da 8ª edição do Concurso de Vídeo da Fundação realizou-se, nos passados dias 14 e 15 de

Margarida dos Santos

N

este tributo à música estiveram presentes dez Bandas Filarmónicas, uma Banda Militar, uma Banda Sinfónica e uma Banda Escolar, num total de 13 grupos, que ao longo de dois dias apresentaram repertórios variados e de elevada qualidade, perante um público que superou os 3.900 espectadores. As Bandas Filarmónicas foram, e continuam a ser, importantes núcleos de congregação dos amadores da música, que aqui adquiriram o estímulo para continuar os seus estudos e prosseguir já como profissionais da área. Este ano, e justamente, o Governo instituiu o dia 1 de setembro como Dia Nacional das Bandas Filarmónicas, reconhecendo o trabalho que estas instituições centenárias desenvolvem em prol da sociedade e da cultura. Estes agentes culturais foram, em Portugal, sobretudo a partir dos anos 60 e até ao final dos anos 90 do século passado, verdadeiras escolas nas classes dos Instrumentos de Sopro, tendo sido promotoras de políticas educacionais do ensino artístico da música, que são hoje referências internacionais.

dezembro, no Cinema City de Alvalade, com a exibição das 15 curtas-metragens selecionadas pelo júri, constituído por Lauro António, Leandro Ferreira e Paulo Miguel Martins. Composto por três categorias – Prémio Fundação INATEL, Prémio Património Imaterial e Prémio Jovem Realizador –, o concurso tem como objetivo estimular a criação audiovisual nacional, e dar espaço a realizadores de

Num universo de cerca de 800 Bandas Filarmónicas, 500 pertencem à Rede INATEL, inscritas como beneficiárias coletivas ou Centros de Cultura e Desporto. Desde os apoios pecuniários à atividade, à organização de iniciativas de âmbito pedagógico, à concessão de instrumentos musicais, a Fundação INATEL apoia, desde 1958 e até hoje, as Bandas Filarmónicas. Em 2013, a Fundação INATEL apoiou mais de 100 atividades de Bandas Filarmónicas, por todo o país, Encontros de Bandas, Concertos e ainda formações promovidas por estas Associações. A INATEL foi ainda organizadora, ou

parceira, de mais de 40 iniciativas a nível nacional, com participação direta de Bandas Filarmónicas. Foi ciente do valor que as Bandas têm no panorama musical português que a Fundação INATEL organizou com a Banda Sinfónica Portuguesa, este grande Encontro de Bandas, que contou também com o apoio da Câmara Municipal de Gondomar e da DGArtes. Pela importância que as Bandas Filarmónicas tiveram e continuam a ter na divulgação da música em Portugal, criando espaços de aprendizagem e criatividade, a Fundação INATEL continuará a apostar na promoção e riqueza da cultura portuguesa de excelência. n

todas as idades para divulgarem os seus trabalhos. O vencedor do Prémio Fundação INATEL, no género ficção, foi Bruno Rosa com a curta “O homem que remava o barco”. O Prémio Património Imaterial, no género documental foi atribuído à obra “Primária”, do realizador Hugo Pedro, e o Prémio Jovem Realizador, em ambos os géneros, foi concedido a Mathias Fritsche pela curta-metragem “Penitência”. Os prémios foram entregues na cerimónia no dia 15 de dezembro, pela vogal do conselho de administração da

Associação CIOFF Portugal

Fundação, Jacinta Oliveira, e pelo diretor da Cultura, Rui Sérgio.

Margarida dos Santos

A

s reuniões ordinárias da Direção e Assembleia-geral do CIOFF Portugal, de que a Fundação INATEL detém a Presidência, tiveram lugar no dia 7 de dezembro, na Sede do Grupo Folclórico de Barcelinhos, organizador do Festival Internacional Rio, Festival CIOFF Membro da Associação. O Conselho Internacional das Organizações de Festivais de Folclore (CIOFF) é uma organização

internacional cultural (ONG), com implementação em 101 países, acreditada pela UNESCO como consultora para a área do Património

Cultural Imaterial. A aprovação do Plano de Atividades e Orçamento para 2014, bem como a definição da estratégia a seguir pelo CIOFF Portugal e pelos 11 Festivais que o integram, foram os principais pontos da ordem de trabalhos destas reuniões. Outro ponto de ordem respeitou às eleições para os órgãos sociais da Associação CIOFF Portugal para cuja presidência a Fundação INATEL foi reeleita até 2016. n

Entrega do Prémio Património Imaterial ao realizador Hugo Pedro


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 9

TL Janeiro 2014 // ARQUIVO HISTÓRICO // 9

Entrega de consoadas de Natal em 1948

N

uma época festiva em que os apelos à solidariedade e à caridade das pessoas e das instituições surgem prementes e as dificuldades e os sacrifícios pedidos aos portugueses são imensos, não é, porventura, displicente olhar para trás e procurar nos exemplos que a história nos oferece, as soluções encontradas no passado para minorar semelhantes adversidades. As imagens que escolhemos para ilus-

trar esta temporada, documentam a entrega de consoadas a outros trabalhadores e ao Senhor Presidente da República, General Carmona, por funcionários da F.N.A.T. na Noite de Natal de 1948. Trata-se de um acto simbólico, é certo, mas pleno de significado e que merece bem ser meditado. n José Baptista de Sousa [O autor escreve de acordo com a antiga ortografia]

Em cima, acto simbólico de entrega da consoada na noite de Natal ao Senhor Presidente da República, General Carmona, por Jorge Felner da Costa, 1948. Ao lado, funcionários da F.N.A.T. distribuindo a consoada na noite de Natal, 1948. [Fotos Avis. Fundação INATEL / Arquivo Fotográfico]

Funcionária da F.N.A.T. distribuindo a consoada na noite de Natal, 1948. [Foto Avis. - Fundação INATEL / Arquivo Fotográfico]

Informações/Inscrições 210 027 154 cultura@inatel.pt www.inatel.pt


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 10

10 // DESPORTO // TL Janeiro 2014

Praticar yoga em Setúbal

O

ginásio da Agência de Setúbal dá início, no final de Janeiro, a aulas de Yoga, abertas a associados e beneficiários locais da fundação. Os benefícios do yoga – recorde-se – manifestam-se a nível físico, mental e espiritual e promovem o desenvolvimento integral do ser humano. Sendo mais do que uma atividade física, é também uma filosofia de vida. Originário da Índia, o yoga assume-se como uma prática milenar que continua a cativar seguidores em todo o mundo, garantindo resultados imediatos, que levam a estados de profunda paz interior, equilíbrio emocional e serenidade, ao mesmo tempo que promove energia. Através de um conjunto de posições e movimentos combinados, mais ou menos exigentes, os benefícios do yoga têm a capacidade de estimular o corpo e acalmar a mente, levando ao bom funcionamento de todo o organismo. n Mais informações: T. 265 009 780/8 ou ag.setubal@inatel.pt

Atividade física e qualidade de vida Existe uma forte relação entre

sentirem-se melhor, do ponto

a atividade física, a saúde e a

de vista físico e psicológico, e

qualidade de vida. O corpo

gozam de uma melhor

humano foi concebido para se

qualidade de vida.

Business Cup Futebol 7 no Porto

movimentar e, como tal, necessita de atividade física

Nunca é tarde…

regular para funcionar

À medida que crescemos, as

saudavelmente. Um estilo de

oportunidades de sermos

vida sedentário é um fator de

fisicamente ativos diminuem e

risco comprovado para o

as mudanças recentes nos

desenvolvimento de diversas

estilos de vida vieram reforçar

doenças crónicas,

este fenómeno. Graças às

nomeadamente as doenças

invenções dos últimos tempos,

cardiovasculares, uma das

tem-se verificado uma diminui-

principais causas de morte no

ção assinalável da quantidade

mundo ocidental.

de esforço físico necessário

Por outro lado, levar uma vida

para realizarmos as tarefas

ativa oferece acrescidos

domésticas diárias, para nos

benefícios sociais e

deslocarmos de um local para o

psicológicos existindo uma

outro (de automóvel, autocarro,

ligação directa entre a

etc.) e até mesmo para nos

atividade física e a esperança

deslocarmos para as atividades

de vida, de tal modo que as

de lazer. Segundo os dados disponíveis, entre 40% e 60% da população da União Europeia (UE), leva uma vida sedentária. Está provado que uma pessoa que aumente o seu nível de atividade física, mesmo após longos períodos de

populações fisicamente ativas

inatividade, pode obter bene-

vivem mais tempo do que as

fícios para a saúde independen-

inativas. As pessoas

temente da sua idade. Nunca é

sedentárias que aumentam a

demasiado tarde para

sua atividade física afirmam

começar.

A

Fundação lançou um novo conceito de competições desportivas que se distinguem dos tradicionais quadros competitivos por se destinarem, exclusivamente, a equipas de empresas e entidades equiparadas. O Futebol 7 foi a primeira modalidade a integrar este novo conceito, com a INATEL Business Cup 2013/14 disputada em Lisboa, desde novembro passado. Devido ao sucesso na organização da Business Cup, a Fundação vai expandir este projeto para a região do Porto. A competição será realizada no complexo desportivo da Cooperativa Quinta da Bela Vista, em Vila Nova de Gaia, limitada a oito equipas, a iniciar no próximo mês de fevereiro, com jogos em horário pós-laboral. Todos os interessados podem solicitar mais informações através de T. 220007964/65 ou email: acnogueira@inatel.pt/ jrocha@inatel.pt n


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:23 Página 11

TL Janeiro 2014 // DESPORTO // 11

Corrida São Silvestre em Braga

O

município bracarense organizou a 36ª edição da Corrida São Silvestre da cidade de Braga, com a colaboração da Agência INATEL e de outras entidades. As provas de Caminhada de S. Silvestre e a Corrida de S. Silvestre, com 1500 participantes, realizaramse na zona histórica, com locais de partida e chegada na Avenida Central, junto ao edifício da Agência da Fundação.

As provas foram abertas à população em geral, desde grupos de amigos, atletas em representação de clubes, coletividades, organizações populares, empresas, a atletas individuais, federados e não federados. A exemplo do ano anterior, as inscrições foram realizadas através da oferta de bens alimentares não perecíveis, ou produtos de higiene pessoal, que reverteram para a delegação de Braga da Cruz Vermelha Portuguesa. n

14 FEV 2014

Dia dos Namorados

ofereça

experiência 2014 única 14umafevereiro

Protocolo com Federação Portuguesa de Atletismo

“U

ma cooperação institucional mútua no que respeita ao desenvolvimento cultural, desportivo e às atividades de lazer e turismo dos seus associados” é o objetivo do protocolo que a Fundação INATEL celebrou, em dezembro último, com a Federação Portuguesa de Atletismo (FPA). FPA – recorde-se – é a entidade coordenadora da prática desportiva

do atletismo em Portugal, que promove a modalidade em articulação com os organismos do Estado responsáveis pela tutela do desporto nacional. O acordo foi subscrito pelo presidente e pelo vogal do conselho de administração da INATEL, Fernando Ribeiro Mendes e Álvaro de Sousa Carneiro. Pela Federação Portuguesa de Atletismo assinou o seu presidente, Jorge Campos Vieira. n

LINHA DE APOIO HOTELARIA Tel. 210 072 387


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 12

12 // TEMA DE CAPA // TL Janeiro 2014

Património Imaterial da Humanidade

INATEL celebra a Dieta Mediterrânica Portugal conquistou, no passado dia 4 de dezembro, a segunda inscrição, depois do fado, na lista do Património Imaterial da Humanidade com a dieta mediterrânica. A Fundação INATEL comemora o acontecimento, no dia 25 de janeiro, com uma ementa dedicada à dieta mediterrânica em todas as suas Unidades Hoteleiras.

A

Fundação, na qualidade de Consultora da UNESCO para o Património Cultural Imaterial, congratula-se com o reconhecimento da Dieta Mediterrânica, e para assinalar este acontecimento, a INATEL realizará um almoço comemorativo, dia 25 de janeiro, inteiramente dedicado à Dieta Mediterrânica. O almoço decorrerá na Unidade Hoteleira de Albufeira, dado que o Algarve é a região portuguesa que, ainda hoje, apresenta mais características deste estilo de vida milenar. O evento para além de ter uma ementa especialmente dedicada à dieta mediterrânica, com ingredientes característicos da “Daiata”, contará com a presença dos promotores da candidatura e estudiosos da matéria, que darão a conhecer os seus benefícios. Esta iniciativa decorre, simultaneamente, em todas as Unidades Hoteleiras, onde se poderá encontrar a mesma dieta comemorativa nas várias regiões do país. “Daiata” A dieta mediterrânica, com origem no termo grego "daiata”, significa estilo de vida equilibrado, que traduz um padrão alimentar e combina ingredientes da agricultura local, receitas e formas de cozinhar próprias de cada região, refeições partilhadas, celebrações e tradições. Este regime alimentar juntamente com o exercício físico moderado diariamente e favorecido pelo clima ameno, completam um modus vivendis que a ciência moderna nos convida a adotar em benefício da nossa saúde, tornando-a um excelente modelo de vida saudável.

A base da pirâmide da Dieta Mediterrânica é formada por alimentos como pão, cereais, massas, batatas e arroz. Frutas, legumes, vegetais e frutos secos são outra parcela importante deste estilo de vida, juntamente com pequenas quantidades de queijo, iogurte e azeite. As aves, peixe e ovos devem ser consumidos numa base semanal e a carne vermelha apenas uma vez por mês. Sugere-se ainda que se deva beber seis copos de água por dia, juntamente com um consumo moderado de vinho tinto. A dieta mediterrânica permite até um doce por semana. A pirâmide da Dieta Mediterrânica contém ainda indicações de carácter cultural e social, intimamente ligadas ao estilo de vida do Mediterrâneo, e reflete o número de porções aconselhado para a população adulta saudável, devendo ser adaptado às necessidades específicas de crianças, mulheres grávidas e outras condições de saúde. A candidatura da Dieta Mediterrânica a Património Cultural Imaterial da Humanidade, a qual integra Portugal, deu entrada na sede da UNESCO, em Paris, no dia 30 de março de 2012. Tratou-se de uma candidatura transnacional que, para além de Portugal, envolveu outros Estados e comunidades como Chipre (Agros), Croácia (Brac e Hvar), Grécia (Koroni), Espanha (Soria), Itália (Cilento) e Marrocos (Chefchaouen). A candidatura portuguesa da dieta mediterrânica foi cuidadosamente preparada por diversas entidades, nomeadamente o Minis-


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 13

TL Janeiro 2014 // TEMA DE CAPA // 13

Dicas “mediterrânicas”

• Substituir o óleo pelo

sua dieta. Os grãos

Os fritos são alimentos

azeite. Este deve ser

inteiros e cereais são

pouco saudáveis que

usado também, em vez

ricos em fibras, para

não obedecem ao

da manteiga, margarina

além de serem

modelo mediterrânico.

ou molhos para

deliciosos. Batatas,

• Evite bolos de

saladas. O azeite é

arroz e polenta são

pastelaria, bolachas e

igualmente uma

também utilizados

biscoitos. As frutas

excecional gordura

como substitutos de

possuem poucas

para cozinhar.

amido.

calorias e são ricas em

• Eliminar o pão branco

• Cozer ou grelhar

vitaminas e outros

refinado e massas da

peixe e aves, não fritar.

nutrientes essenciais.

tério da Agricultura, do Mar, Ambiente e do Ordenamento do Território (MAMAOT), Câmara Municipal de Tavira e Universidade do Algarve. A classificação da Dieta Mediterrânica como Património Cultural Imaterial da Humanidade, que abrange agora Portugal, confere responsabilidades acrescidas ao país e abre novas oportunidades para a dinamização dos produtos locais e do turismo cultural, inscritas no Plano de Salvaguarda desta candidatura. A implementação deste Plano permitirá aprofundar conhecimentos e inventários sobre tecnologias e processos, tradições, práticas culturais e expressões artísticas relacionadas com o património imaterial português, e possibilitará uma maior divulgação das vantagens para a saúde pública deste regime alimentar milenar, reconhecido como de alto valor nutricional e preventivo pela Organização Mundial de Saúde. Portugal é um país mediterrânico pelo seu clima e natureza, pelas produções agroalimentares, convivialidades e sociabilidades. A Dieta Mediterrânica encerra sabedorias milenares, sistemas e técnicas de produção de alimentos, e em particular, o uso quotidiano de uma dieta de elevado valor nutricional, baseada em produtos frescos da época e produzidos localmente, cuja ingestão é comprovadamente preventiva de doenças cardiovasculares e cancerígenas. A INATEL e a Dieta Mediterrânica Como primeira consultora em

Portugal na área do Património Cultural Imaterial, reconhecida pela UNESCO em 2010, a Fundação INATEL acompanhou e integrou com entusiasmo esta candidatura, tendo celebrado com a Câmara Municipal de Tavira um protocolo de colaboração em que assumiu a implementação de menus de Dieta Mediterrânica nas ementas das suas Unidades Hoteleiras, após o reconhecimento da Dieta. A Fundação foi também promotora da candidatura da Dieta Mediterrânica, tendo integrado esta prática em todos os Seminários e Conferências desenvolvidos no âmbito do património cultural imaterial, como foi o caso do Seminário “Tradições que Vivem”, realizado entre 13 e 16 de outubro de 2011, na Unidade Hoteleira da Foz do Arelho, em que Jorge Queiroz, Diretor do Departamento de Cultura da Câmara Municipal de Tavira proferiu uma comunicação sobre o processo de candidatura. Também na Conferência Comemorativa dos 10 anos da convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da UNESCO “Património como Identidade”, organizada pela INATEL, que decorreu no Museu do Fado no passado dia 24 de maio, foram proferidas duas comunicações sobre a Dieta Mediterrânica, pelo Secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Agroalimentar, Nuno Vieira e Brito, e também, pela Bastonária da Ordem dos Nutricionistas, Alexandra Bento. n


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 14

14 // VIAGENS // TL Janeiro 2014 Vito Arcomano/Fototeca ENIT

Carnaval de Veneza A festa maior O Carnaval de Veneza, um dos mais famosos, românticos e sofisticados carnavais europeus, remonta, segundo a tradição, ao século XII, e consolidou-se cinco séculos depois, quando a nobreza se mascarava para sair e misturar-se com o povo.

D

urante as noites realizavamse bailes em salões e usavam-se trajes tradicionais na cultura de Veneza. A comemoração nos canais, onde navegavam gôndolas iluminadas, contava com divertidos arlequins, e outras personagens da Comédia dell’Arte, que se concentravam na Praça de São Marcos. Desde então as máscaras venezianas são o elemento mais importante da festa de Veneza: máscaras nobres, máscaras brancas com roupa de seda negra, chapéus de três pontas, entre outras.

Ilhas, gôndolas e museus Com partidas de Lisboa, Porto e Faro, a viagem decorre de 21 a 24

de fevereiro, com chegada a Veneza, com jantar e alojamento no primeiro dia. No segundo dia, a visita começa na Praça de São Marcos, com guia local, para apreciar a Basílica, o Palácio Ducal e o característico centro histórico. A seguir ao almoço, há um passeio opcional em Gôndola, com o restante tempo livre para desfrutar o carnaval, com o tradicional cocktail e espetáculo. No terceiro dia, os viajantes irão visitar as ilhas mais famosas de Veneza, designadamente a Ilha de Murano, desde 1291 o lar de centenas de famílias que se dedicaram de geração em geração à

Viagens INATEL Carnaval de Veneza 21 a 24 de fevereiro de 2014 Mínimo de 25 participantes Preços por pessoa em quarto duplo: Partida de Lisboa: 725€ Partida do Porto: 750€ Partida de Faro: 750€ Suplemento de quarto individual: 85€ Mais informações: Agências INATEL ou www.inatel.pt.

arte de fabrico do vidro. Segue-se Burano, a mais colorida de todas as ilhas da lagoa porque todas as casas estão pintadas de cores diferentes. Reza a história que as diferentes cores possibilitavam aos pescadores distinguir a sua casa ao longe mesmo em dias de neblina na lagoa. Já no século XVI, o arquipélago de Murano era o mais famoso na Europa. A tarde será inteiramente dedicada à festa do carnaval. Na manhã de 24, último dia da viagem, os viajantes terão a oportunidade de fazer compras e conhecer melhor a cidade, nomeadamente os seus numerosos museus e históricos palácios. n


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 15

VIAGENS NACIONAIS PASSEIOS DE 1 DIA

CIRCUITOS TEMÁTICOS

FESTIVAL DE CHOCOLATE ÓBIDOS E VISITA AO JARDIM BUDDHA ÉDEN

FEIRA DO FUMEIRO EM VINHAIS 07 a 09 fevereiro Partidas: Setúbal | Almada | Lisboa | Leiria | Coimbra Desde: €246

01 março Partidas: Covilhã | Castelo Branco | Santarém 08 março Partidas: Aveiro | Coimbra | Leiria 15 março Partidas: Évora | Setúbal | Almada | Lisboa Desde: €50

FEIRA DO QUEIJO CELORICO DA BEIRA 28 fevereiro a 02 março Partidas: Viana | Braga | Porto Desde: €157 AMENDOEIRAS EM FLOR 07 a 09 março Partidas: Setúbal | Almada | Lisboa | Coimbra Desde: €450

CARNAVAL CARNAVAL EM CASTELO DE VIDE E BADAJOZ 01 a 04 março Partidas: Bragança | Vila Real | Coimbra | Leiria Desde: €212

“INATTEL TURISMO”, RNAVT V n.º 2954 29

CARNAVAL EM OVAR E CABANAS DE VIRIATO 01 a 04 março Partidas: Beja | Évora | Setúbal | Santarém Desde: €236 CARNAVAL EM SÃO PEDRO DO SUL 01 a 04 março Partidas: Portalegre | Almada | Lisboa | Aveiro Desde: €247

CARNAVAL EM VILA RUIVA 02 a 05 março Partidas: Faro | Almada | Lisboa Desde: €261 CARNAVAL EM LOULÉ & ALTE 01 a 05 março Partidas: Viana | Braga | Porto | Aveiro | Lisboa | Almada | Setúbal Desde: €230 CARNAVAL NO FUNCHAL 01 a 05 março Partida: Lisboa Desde: €512

CARNAVAL EM CERVEIRA 01 a 04 março Partidas: Castelo Branco | Covilhã | Guarda | Viseu Desde: €271

* Preços por pessoa em quarto duplo. Não inclui taxa de serviço de €10 por reserva. | Informações gerais: t. 210 072 384

VIAGENS INTER INTERNACIONAIS NACIONAIS CARNAVAL CARNAVAL EM VENEZA E ILHAS DE MURANO E BURANO 21 a 24 fevereiro Partidas: Lisboa | Porto | Faro Desde: €725 (Lisboa) t €750 (Porto e Faro) CARNAVAL EM NICE 27 fevereiro a 03 março Partidas: Lisboa | Porto | Faro Desde: preço a informar oportunamente FÉRIAS DE CARNAVAL EM BARCELONA 01 a 04 março Partidas: Lisboa | Porto | Faro Desde: preço a informar oportunamente

CIRCUITOS TEMÁTICOS CANONIZAÇÃO DE JOÃO PAULO II EM ROMA 25 abril a 01 maio Partidas: Lisboa | Porto Desde: preço a informar oportunamente

visite-nos em www www.inatel.pt .inatel.pt


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 16

16 // HOTELARIA // TL Janeiro 2014

Palace S. Pedro do Sul Hotel Momentos inesquecíveis O imponente Palace Hotel, edificado na década de 1920 nas margens do rio Vouga, e a escassos metros do centro termal de São Pedro do Sul, é uma das unidades hoteleiras mais procuradas da região de Lafões. A sua beleza arquitetónica funde-se na natureza para proporcionar momentos inesquecíveis de tranquilidade a quem o visita.

A

s importantes obras de renovação e reestruturação, concluídas em 1997, acentuaram o charme deste icónico edifício da cadeia hoteleira da Fundação, com 77 unidades de alojamento, subdivididas nas categorias de suite, superior, standard e turístico, totalmente equipadas, e com acesso wireless gratuito. O Palace Hotel possui todas as comodidades para uma estadia de puro prazer. Não faltam os serviços de lavandaria e de room service, importantes para o cliente termal, mas igualmente para o cliente empresarial que encontrará nos modernos espaços de Business Center e Biblioteca a melhor oferta. O corolário da experiência de visita ao Hotel Palace de São Pedro do Sul centra-se provavelmente na imponente fachada principal, na plataforma de receção, e na singular beleza arquitetónica do Restaurante Rainha D. Amélia com capacidade para 200 pessoas. O amplo salão de refeições, que possui uma das paredes laterais totalmente composta por painéis de molduras envidraçadas, proporcio-

na o ambiente perfeito para a degustação da melhor gastronomia da região, onde pode deliciar-se com os pratos de Vitela de Lafões, Polvo à lagareiro, Tiborna de bacalhau, e as sobremesas tradicionais como Aletria ou Pão-de-ló, entre outras. No final é convidado a visitar o bar e a esplanada com vista privilegiada para as margens do rio Vouga. Complementa a oferta de lazer, uma acolhedora biblioteca, uma ampla sala para diversos jogos, um Espaço infantil, e um Auditório com capacidade para 80 pessoas A sua localização privilegiada convida a longos passeios matinais, ou de final da tarde, num local de beleza natural ímpar. O Palace Hotel possui ainda extensas áreas ajardinadas e de exploração agrícola próprias que convidam ao contacto com a natureza. Complementa toda a oferta, um extenso parque de estacionamento gratuito e reservado aos seus hóspedes. As características únicas do Palace São Pedro do Sul Hotel estão acessíveis a todas as pessoas, pela inexistência de barreiras arquitectónicas durante todo o ano.


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 17

TL Janeiro 2014 // HOTELARIA // 17

Receita // TIBORNADA DE BACALHAU (para 4 pessoas) Ingredientes

abundantemente polvilhadas

> Bacalhau – 800 gr

com sal. Retire-as quando

> batata – 800 gr

estiverem estaladiças. Amasse

> azeite – 0.40l

levemente as batatas. Refogue a

> alho – 20 gr

cebola com azeite até murchar.

> sal grosso – q.b.

Coloque as batatas a murro no

> cebola – 100 gr

centro com as lascas do

> azeitonas – q.b.

bacalhau à volta, a cebola por

> folhas de louro – q.b.

cima do peixe, azeitonas e louro. Acompanhe com couve

Preparação

portuguesa cozida.

Regue as postas de bacalhau com azeite e coloque-as na grelha. Deixe-as até marcar. Vire o lado da pele e deixe permanecer durante aproximadamente 15 minutos. Na hora de servir, retire as espinhas e desfaça-as em lascas. Leve ao forno batatas

Do Atlântico ao Douro… Ficar alojado no Palace Hotel é igualmente uma oportunidade para conhecer uma importante parte da nossa cultura. Através de deslocações de curta duração é possível visitar a cidade de Viseu, e aí usufruir de variada oferta no âmbito monumental, nomeadamente, o Museu, as Igrejas e a zona histórica, e também espetáculos diversos que vão desde o bailado ao teatro. Ainda no distrito viseense, poderá dar um salto a Lamego e apreciar a sua importante riqueza arquitetónica, especialmente de âmbito religioso, e, daí, partir à descoberta das paisagens do Douro vinhateiro. No litoral, a cerca de 90 km e a uma hora de viagem, está Aveiro e sua bela Ria, a imensidão dos areais e construções multicolores da Costa Nova, e a possibilidade de visitar a fábrica da Vista Alegre. Bem próximo do Palace Hotel, é possível encontrar uma vastíssima oferta de motivos de interesse turístico, entre outros, o complexo termal e a sua história ligada ao primeiro rei de Portugal e rainha D. Amélia. A beleza natural das encos-

tas serranas e das suas aldeias típicas, com diversas áreas preservadas e até enquadradas em parques temáticos. A Serra de S. Macário convida à contemplação das belas paisagens dos vales de Lafões e do Paiva, ou a Serra da Freita, com 1000 metros de altitude, que proporciona experiências únicas, como a observação da cascata da “frexa da Mizarela” com 75 metros de queda de água e, ainda, o contacto com o fenómeno natural único das “pedras parideiras”. As visitas às aldeias da Pena, Fujaco e Manhouce, com diversos percursos pela natureza e observação da fauna e flora autóctones, são algumas das diversas experiências que podem maravilhar quem escolhe o Palace Hotel de S. Pedro do Sul, para conhecer ou revisitar a região de Dão Lafões. n INATEL Palace S. Pedro do Sul

Hotel **** T. 232 720 200 Reservas: 232 720 201 inatel.spsul@inatel.pt Coordenadas GPS 40º 44´ 20” N | 8º 05´ 23” O

pequenas bem lavadas e

Receita // Aletria (para 4 pessoas) Ingredientes

a casca de limão e uma

> Aletria – 150 gr

pitada de sal. Junte a aletria e

> casca de limão – 15 gr

deixe ferver. Adicione o

> sal – 5 gr

açúcar e deixe novamente

> açúcar – 100 gr

levantar fervura. Retire a

> gema de ovo – 2

aletria do lume. Bata as

> canela q.b.

gemas e incorpore-as no preparado. Coloque numa

Preparação

travessa e polvilhe com

Coloque a água a ferver com

canela a gosto.


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 18

18 // INATEL SOCIAL // TL Janeiro 2014

Veja o que propomos desenvolver ao longo de todo o ano de 2014 e antecipe as suas escolhas.

INATEL na “Portugal Maior”

A

iniciativa “Portugal Maior”, dedicada à população com idade igual ou superior a 55 anos, decorreu na FIL – Feira Internacional de Lisboa, entre 30 de novembro e 8 de dezembro. A INATEL esteve presente neste espaço interativo de discussão, de experiência, de partilha de emoções e, ainda, de conhecimento e novas oportunidades de negócio, em áreas de bens de consumo, saúde, turismo, desporto, lazer e tempos livres, formação, emprego e cultura. A participação da Fundação,

através de ações culturais e lúdicas e de passatempos e da apresentação da sua oferta – com especial relevo para as suas importantes áreas de intervenção social – suscitou o interesse e adesão dos numerosos visitantes presentes na iniciativa. A partilha do mesmo espaço com a “Natalis – Feira de Natal de Lisboa”, atualmente o maior mercado de prendas de Natal e de solidariedade social, visou estimular a interação entre gerações, num ponto de encontro onde todos podem dar e receber. n

Mais informações: 210 027 142 t inatelsocial@inatel.pt

visite-nos em www www.inatel.pt .inatel.pt

Intervenção do presidente da Fundação, Fernando Ribeiro Mendes, no congresso da Grande Idade


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Pรกgina 19


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:24 Página 20

20 // FUNDAÇÃO INATEL // TL Janeiro 2014

// EM CENA

Revisitar Shakespeare De 9 de Janeiro a 2 de Fevereiro podemos ver no Teatro Nacional D. Maria II, “Coriolano”, a tragédia da solidão do herói providencial, uma das últimas peças de William Shakespeare, considerada uma das mais políticas da sua dramaturgia. Direitos Reservados

E

ste clássico do teatro ocidental, encenado por Nuno Cardoso, traz à cena um elenco onde sobressaem os nomes de Albano Jerónimo e Ana Bustorff, acompanhados na representação, por Afonso Santos, Catarina Lacerda, Luís Araújo, António Júlio, Daniel Pinto, Pedro Frias, João Melo, Mário Santos, Rodrigo Santos e Ricardo Vaz. Trata-se de uma coprodução que envolve também o Teatro Nacional S. João do Porto, as companhias do Cabo Teatro, Teatro do Bolhão e Centro Cultural Vila Flor de Guimarães. “Coriolano”, que com as peças de Tito Andrónico e Júlio César representa uma incursão que o célebre dramaturgo inglês fez na história da Roma Antiga para falar da Inglaterra do seu tempo, é uma tragédia que transforma o conflito político no conflito ritual do teatro. Vista como a última das tragédias de Shakespeare, o corolário que funde a experiência trágica com a

Ao longo do texto, são descritos os passos da fortuna pública e privada de um homem cujas qualidades à luz de uma sociedade em crise se revelarão justamente os seus defeitos fatais

crónica política das peças históricas, “Coriolano” narra a ascensão e queda do general Caio Márcio Coriolano Trindade. Ao longo do texto, são descritos os passos da fortuna pública e privada de um homem cujas qualidades à luz de uma sociedade em crise se revelarão justamente os seus defeitos fatais. Observa-se o caminho que vai de homem providencial a inimigo do povo e bode expiatório de toda uma cidade em convulsão.

Tradução: Fernando Villas-Boas. Encenação: Nuno Cardoso. Cenografia: F. Ribeiro Desenho de luz: José Álvaro Correia. Música: Rui Lima, Sérgio Martins. Assistência de encenação e movimento: Victor Hugo Pontes. De 9 Jan. a 2 Fev. Sala Garrett TNDMII: 4.ª 19h | 5.ª a Sáb. 21h | Dom. 16h. n

Joaquim Paulo Nogueira [O autor escreve de acordo com a antiga ortografia]

// BREVES “Joaninha dos olhos verdes”

Manuel Coelho e Maria Amélia

e a participação especial de

Branco. Encenação e Cenografia:

Matta, do elenco fixo do TNDMII,

Manuela Gomez Plaza, é

Alexandre Tavares. Com: Ana

Da clássica tragédia de

Bernardo Chatillon, Joana Cotrim,

construído a partir do conhecido

Carvalho e Maria Ana Filipe (de 02

Shakespeare na Sala Garrett,

Jorge Albuquerque, Lita Pedreira,

poema dramático do poeta

a 26) / Daniela Serra (de 27 a 31)

passamos para um texto português

Luis Geraldo, Maria Jorge e Rita

Frederico Garcia Lorca.

SALA 4 – “O Sôtor é que sabe”,

contemporâneo, na sala Estúdio do

Figueiredo.

mesmo Teatro. “Joaninha dos olhos

De 4 Jan. a 9 Fev. - Sala Estúdio

Teatro Rápido

que co-encena com Afonso Araújo.

verdes”, escrita por António Torrado

TNDMII: 4.ª a 6.ª 11h | Sáb. 21h15 |

As sessões contínuas, nas quatro

Na interpretação, além deles,

que se inspirou livremente no

Dom. 16h15

salas, de quinta a segunda, de 2 a

Andreia Forno. Para os mais

31 de Janeiro, começam às 18h e

pequenos, Sábados e Domingos

episódio romanesco das “Viagens

autoria de Marco Menezes Peres

na minha terra”, de Almeida Garrett,

“Yerma”

terminam às 20h30. SALA 1 –

entre as 15h e as 16h, “Brites de

é uma peça que se dirige a temas

De Federico Garcia Lorca, da

“Sapato Branco em Janeiro”. Texto

Almeida! A Padeira de Portugal!”,

próprios da juventude, como os

Companhia João Garcia Miguel,

e Encenação: Francisco Braz. Com:

uma visita em teatro de fantoches à

primeiros amores, as opções de

faz uma curta passagem, de 30 de

Paula Sousa. SALA 2 – “Janeiro

história da padeira de Aljubarrota,

vida e os confrontos com as

Janeiro a 1 de Fevereiro, pela

rima com… Solteiro”, texto e

numa produção da Trupilariante

gerações precedentes. Uma versão

Sala de Ensaio do TNDM II.

interpretação: Marisa Carvalho.

Companhia de Teatro Circo.

cénica de João Mota que junta aos

Encenada por João Garcia Miguel,

Encenação: Flávio Gil. SALA 3 –

Actores: Nuno Galamba e Ânia

actores João Grosso, José Neves,

com Miguel Borges, Sara Ribeiro

“Um Bocado de Carne”, texto: A.

Pais.


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:25 Página 21

TL Janeiro 2014 // FUNDAÇÃO INATEL // 21 // LIVROS

// ECRÃS

EDIÇÕES INATEL

A escravidão revisitada

“INATEL Palace”, de Maria de Fátima Pinto, 1990 (80 pp.) PVP: 25,18 €/ Desconto de 40% para Associados À venda nas Agências e Sede. l Esta

Unidade Hoteleira, nas

Duas estreias importantes a abrir 2014: o último filme do britânico Steve McQueen – um manifesto vigoroso contra o esclavagismo e a brutalidade que não vai deixar ninguém indiferente – e o mais recente trabalho de Scorsese que aparece focalizado no mundo financeiro nova-iorquino

Termas S. Pedro Sul, localizada no Vale do Vouga, é presenteada com um cenário de fundo de um quadro natural de rara beleza e grande harmonia. Saliente-se de entre os vários cursos de água – as ribeiras de Sul e Ribamá, que, cortando em sentido oposto, desenham o curso mais importante, numa espécie de

Cinema

The Wolf of Wall Street, de Martin

cruz de que formam os braços.

12 Anos Escravo, de Steve

Scorsese | EUA, 2013, 3h00 | Com:

Mais informações:

McQueen | EUA, 2013, 2h13

Leonardo DiCaprio, Matthew

mabreu@inatel.pt T. 210027182

Com: Chiwetel Ejiofor, Michael

McConaughey, P.J. Byrne. Estreia 9

Fassbender, Brad Pitt. Estreia 2 de

de Janeiro.

Janeiro.

Outra parceria (a quinta!) DiCaprio-Scorsese, desta vez inspirado pela autobiografia do corrector da bolsa nova-iorquina, Jordan Belfort que entrou em decadência nos anos 90 e das tramóias e tensões na alta finança em que se envolveu. Scorsese, que é mestre na construção dramática, regressa à trama “clássica” com as regras de um ringue de boxe. E como bem se sabe, “os combates” nos filmes do cineasta de “Taxi Driver” têm, quase sempre, um “round” de ferocidade imponente.

NOVIDADES EDITORIAIS “Quinto Livro de Crónicas”, de António Lobo Antunes Editora D. Quixote, 2013, (364 pp.) PVP: 16,90 € À venda nas livrarias. l Este

livro

trata-se de uma compilação de pequenos textos publicados na revista “Visão”, onde o autor aborda temas de foro pessoal, quase como uma reflexão interior ou de tudo o que lhe vai na cabeça e na alma, combinando autobiografia e ficção de forma criativa. Estas crónicas, apesar de não serem romances do autor, não descuram uma forte componente literária. Patrícia Ribeiro

Inesperada, – mas não improvável – incursão do autor de “Shame” pela incómoda lembrança do esclavagismo, por via das memórias de Solomon Northup. Nesta dramática e dura evocação da América nos meados do século XIX, um homem que fora raptado e sequestrado para trabalhar numa plantação na Louisiana luta pela sobrevivência e a liberdade para se reencontrar com a sua família. O espectador que se prepare: vai ser confrontado com uma das visões mais implacáveis que o cinema alguma vez propôs da escravatura. Espantosa é a grande mobilidade da câmara servida por elementos visuais e sonoros de grande impacto. O filme, que vem reunindo o consenso (elogioso) da crítica, conta com uma interpretação notável de Chiwetel Ejiofor. Para mais, “12 Years a Slave” – no título original – trás, por vezes, à memória a atmosfera de “Amistad”, de Steven Spielberg.

Mel, de Valeria Golino | ItáliaFrança, 2013| Com: Jasmine Trinca, Carlo Cecchi, Libero De Rienzo. Estreia 23 Janeiro.

Sob o nome de código “Miele” (que dá o título ao filme), uma mulher jovem ajuda secretamente doentes terminais a morrerem com dignidade dando-lhes um barbitúrico poderoso mas recusa administrá-lo a um idoso que perdeu o interesse

pela vida e deseja suicidar-se. É claro que o interesse do filme não se esgota no simples enunciado. Para que conste: a realizadora não se limita à meditação simplista sobre as questões morais e éticas da vida e da morte. DVD Sentimento, de Luchino Visconti |Itália, 1954, 1h58 |Edição Alambique Filmes; pvp 15 €

Um dos “filmes de culto” mais idolatrado entre o público cinéfilo, realizado por um dos maiores cineastas do cinema europeu. Melodrama romântico, em tom operático, – ambientado durante a invasão austríaca do norte de Itália, em 1866 – “Senso” é o retrato faustoso de uma aristocracia decadente confrontada com o seu declínio e os dissabores da história. É de destacar a fotografia notabilíssima de G.R.Aldo. Os intérpretes, esses são inesquecíveis, sobretudo Farley Granger e Alida Valli, o par de amantes com fim trágico.

Joaquim Diabinho [O autor escreve de acordo com a antiga ortografia]


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:25 Página 22

22 // FUNDAÇÃO INATEL // TL Janeiro 2014

// MOTOR

// SUGESTÕES

Aveo: estilo e diversão

João Freitas Ferreira Director do Gentleman’s Journal www.gentlemans-journal.com

N

o que toca a pequenos veículos de cinco portas, o Chevrolet Aveo é difícil de ignorar: linhas bem agressivas, um comportamento dinâmico e irrepreensível, toda a segurança de série e muita economia por um valor justo: preços a partir dos 12.490 euros. O novo Aveo irradia estilo e diversão. O design exterior é bastante apelativo, e o design interior é, no minímo, surpreendente. Com elementos inspirados nas motos, iluminação exclusiva “ice-blue” e toda a tecnologia multimédia que se possa imaginar. Mas a diversão não se fica pelo olhar. O novo chassis Aveo é um dos melhores da sua classe, permitindo um desempenho bem acima da média, o que combinado com os enérgicos motores disponíveis significa apenas uma coisa: a diversão na condução. Com o Aveo, a liberdade de escolha é total. Pode optar por um diesel. Pode optar por um gasolina. Ou pode optar por um GPL bi-fuel. Neste caso, pode sempre passar (mesmo com o carro em andamento) do GPL para o diesel, ou para gasolina, com a simples mudança de um manípulo existente no tablier. Fácil e prático. O novo Aveo a GPL representa uma especia-

“Ano novo, vida nova” Ouve-se dizer sobre cada ano que começa. E, de facto, um calendário aberto para uma vida nova pode trazer muitas possibilidades a cada um de nós. Mesmo assim, devemos preparar-nos para traçar resoluções de ano novo que se reúnam em três “p”: pouco, possível e prático. Quando as resoluções são desmesuradas causam um sentimento de desilusão.

lidade da Chevrolet. Ao optar por esta motorização, é como se tivesse 50% de desconto sempre que abastece, uma vez que o GPL custa cerca de metade do preço da gasolina. Com uma economia assim, a sua liberdade não se esgota na escolha da motorização perfeita para o seu Aveo: pode realmente escolher até onde quiser e quando quiser! Depois, há uma série de pormenores que o Aveo tem e que não são muito comuns em automóveis deste tamanho. Um exemplo? Se chegarmos tarde a casa, na rua, ou na garagem a função “follow me home” dos faróis ilumina o caminho, antes ou depois destes se desligarem automaticamente. n Carlos Blanco

Dar atenção à nossa condição física, começando o ano com um check-up ou uma visita ao médico de família para que acompanhe a nossa situação de saúde. Mente sã em corpo são é uma máxima antiga que não perde validade. Se possível não perder oportunidade de praticar actividade física adequada à nossa idade e condição corporal. Estar atento a quem é nosso próximo, isto sem grandes exageros mas discretamente. “Que não saiba a tua mão direita o que faz a tua mão esquerda”. O nosso próximo pode ser vizinho, familiar, colega, que precisa tal como nós de uma palavra amiga ou de um sorriso. Fomentar uma consciência mais ética

// PALAVRAS CRUZADAS // Por José Lattas

VERTICAIS: 1-Câncer. 2-Parceira; Recinto. 3-Sapateiras; Metropolitano de Lisboa (sigla). 4-Ataúde; Soço-brou. 5Prefixo que se antepõe a várias palavras, ajuntando-lhes a ideia de fora; Acaso. 6-Sufixo derivado de adjectivo, e que traduz a ideia de estado ou qualidade; Um dos minerais, que se podem encontrar no granito (inv.); Instrumento de sopro, muito usado pelos árabes, persas e turcos. 7-Escarpada; Articulação. 8-Levantai; Senhor (abrev.); Chegar. 9-Abatida; Reitera. 10-Autoridade; Pedido de socorro (sigla). 11-Arsénio (s.q.); Puxador.

e ecológica nas compras que fizermos. 1

2

3

4

5

6

7

8

9 10 11

Dentro do possível encontrar peças em materiais orgânicos ou que não sejam

1

prejudiciais ao ambiente. Fazer opções

2

na altura de comprar pode passar por

3

perceber onde foi produzido o artigo e

4

em que condições. Isto desenvolve uma

5

consciência social da parte do próprio consumidor.

6

Ler mais, ouvir música, ir ao teatro ou

7

cinema podem ser outros objectivos

8

mais práticos e que permitem que a

9

nossa mente se exercite melhor. Por fim, retomar os nossos objectivos de vida

10

profissional, afectiva ou familiar que

11

podem ser sempre equilibrados e

Soluções 1-C; SACO; AGID. 2-ASAR; RALAM. 3RONCO; RASPA. 4-ACTA; ADITES. 5-NIO; ECU; AR. 6-GALÁXIAS; IA. 7-U; AL; M; RIOS. 8-ESSAS; N; T; A. 9-JÁ; GENOVÊS. 10-OLMO; A; IRÓS. 11-ALUMIARAS.

HORIZONTAIS: 1-Bornal; Anuncie (inv.). 2-Prover de asas; Importunam. 3-Grunhido; Lasca. 4-Resumo escrito e fiel, de uma sessão de qualquer corpo deliberativo; Apenses. 5-Ilha do arquipélago grego, Cícla-des, no Mar Egeu; Antiga unidade monetária europeia, criada em Março de 1979; Assembleia da República (sigla). 6Conjunto de elevado número de estrelas, outros planetas, poeira cósmica e gás (pl.); Abalava. 7-Alumínio (s.q.); Correntes. 8-Adjectivo demonstrativo feminino (pl.). 9-Depressa; Relativo a Génova. 10-O mesmo que ulmeiro; Enguia. 11-Acenderas.

envolvidos na consciência de que a vida é uma eterna tentativa sem certezas de que possamos alcançar tudo, mas tentando se faz caminho. Bom 2014!


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:25 Pรกgina 23


09_JANEIRO_2014_teste_NOVO_02_Medidas OK.qxd 19-12-2013 20:25 Página 24

Os seus pontos valem desejos. Quantos quer?

BRINDES

N NOVOS OVOS PA R CEIR O S

O novo Catálogo BP premierplus 2013/14 já está disponível e vem abastecido com tudo o que deseja. Com 32 novos brindes exclusivos e parcerias selecionadas a pensar nas suas necessidades, os seus pontos valem agora mais do que nunca. Fique sempre a postos para mais vantagens e seja dos primeiros a saber todas as novidades e promoções do programa BP premierplus. Registe já o seu cartão em www.bppremierplus.com

Tempo Livre Janeiro 2014  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you