Page 1

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

Ano 3 • # 9 • Julho de 2018 Florianópolis • Santa Catarina Distribuição gratuita e dirigida. www.basket-fcb.com.br

VEM AÍ

O CAMPEONATO CATARINENSE DE BASQUETE 2018 TABELA COMPLETA DO ESTADUAL ADULTO FCB SOCIAL

A EXPECTATIVA DE CADA TIME PARA A MAIOR COMPETIÇÃO DE SC

24 EQUIPES DISPUTAM O TÍTULO A PARTIR DE AGOSTO

FEDERAÇÃO AMPLIA LEQUE DE AÇÕES E GERA NOVOS INVESTIMENTOS SOCIAIS


A Q U E

B O L A L I G A

V O C Ê

À S

Q U A D R A S É

A D A

P E N A LT Y P R Ó 7 . 6

APROVADA PELA FIBA

B O L A L I G A .


 COM A PALAVRA, OS EDITORES Adriano Krischke/FCB

FEDERAÇÃO COLHE RESULTADOS DENTRO E FORA DAS QUADRAS

V

ai começar a principal competição do basquetebol de Santa Catarina: o Campeonato Catarinense de Basquete. De agosto a outubro, homens e mulheres entrarão em quadra em 14 cidades e cinco regiões do estado. É o carro chefe da FCB e, também por isso, recebe atenção especial na 9ª edição de BasqueteSC. Equipes, tabela de jogos, expectativa e galeria dos campeões estampam diversas páginas para que o leitor e amante do esporte da bola laranja saiba tudo sobre a disputa envolvendo 24 agremiações. As histórias do estadual adulto ainda serão escritas, no entanto, a trajetória de 40 anos de Ariovaldo Carvalho, o popular Bicão, será contada pelo ex-atleta, ex-árbitro e atual dirigente da FCB. A carreira, que por pouco não seguiu em outra modalidade, merece ser revisitada em entrevista especial. Claro que boas histórias não vão faltar sem, no entanto, esquecer de projetar o futuro na nova missão no basquete catarinense: a de coordenar um dos principais quadros de arbitragem do Brasil. Outro destaque fica por conta da participação dos representantes de Santa Catarina no cenário nacional: AABJ/Joinville, no NBB; APAB/ Blumenau e AD Brusque, na Liga Ouro e Blumenau com a histórica campanha na LBF, cujo desempenho culminou com a ida do técnico João Camargo para a Seleção Brasileira. Se o basquete catarinense voltou a dar passos importantes nos últimos anos, em 2018 o patamar alcançado superou as expectativas. Enquanto, dentro de quadra, os resultados são atingidos, fora dela, o alicerce construído pelo professor Oscar Archer e sua competente equi-

pe transforma a realidade por todo o estado. Através de ações sociais e educativas, a Federação Catarinense de Basketball, com sua parceira TRIMANIA, segue realizando revitalizações em ginásios espalhados por todas as regiões, além de fazer a alegria de crianças, adultos e até animais por meio de doações e de projetos como os Núcleos Estudantis. O caráter social ganha cada vez mais importância, inclusive com alteração estatutária dando ênfase ao tripé: FCB Rendimento, FCB Social e FCB Educação. Nesta linha, caro leitor, entram em ação as Ligas Regionais, responsáveis por auxiliar a capacitação de árbitros e treinadores, através das Clínicas, além de desenvolver cada vez mais a modalidade em cada canto de Santa Catarina. Elas também merecem atenção especial de BasqueteSC, pois fazem parte de um calendário recheado composto por 200 times filiados à Federação e milhares de jogos e eventos. Enfim, são inúmeros assuntos nesta 9ª edição feita com carinho ao amante do esporte da bola laranja, como também a quem admira uma gestão eficiente. Os resultados apresentados nas próximas páginas são frutos de um planejamento que envolve o esporte sem esquecer que, antes do atleta, é preciso dar atenção ao ser humano.

BOA LEITURA! OS EDITORES

3


 EXPEDIENTE

- NESTA EDIÇÃO Lucas Inácio/FCB

Diretoria FCB

2015 / 2019

Oscar José Orsi Archer Nelson da Silva Aguiar DIRETOR FINANCEIRO E DE PATRIMÔNIO Ênio Feller DIRETOR JURÍDICO Fábio Pamplona Deschamps PRESIDENTE

VICE PRESIDENTE

Conselho Fiscal TITULARES SUPLENTE

Paulo Roberto Cunha Carlos Luiz de Oliveira Henrique Guilherme Koettker

Luiz Ernani Bueger

Assessoria SECRETÁRIO GERAL SECRETÁRIA EXECUTIVA PLANEJAMENTO GERAL COMISSÃO DE ARBITRAGEM TÉCNICO/COMPETIÇÕES TESOURARIA E CONTABILIDADE REGISTRO E DOCUMENTAÇÃO MARKETING, DIVULGAÇÃO E SITE

Luciano Davies Zappelini Franciele Veiga Krischke Jairo Anello Ariovaldo Carvalho Luiz Gastão Neves Dubois Irland Vieira Adriano de Souza Krischke Mariana Kovalski da Luz

NÚCLEOS ESTUDANTIS TRIMANIA/FCB E COMPETIÇÕES MASTER ATENDIMENTO ADMINISTRATIVO IMPRENSA

Julio Cesar Schmitt Rocha Stefanni Kras Dorvalina Clóvis Feller Lucas Inácio

www.basket-fcb.com.br

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL Ano 03 / Nº 09 – Julho de 2018

JORNALISTAS RESPONSÁVEIS

EDIÇÃO GRÁFICA / ARTES REVISÃO ORTOGRÁFICA

Nikolas Stefanovich (SC/JP 2122) Henrique Santos (SC/JP 3473)  Zdzain –  48 99179.5749 Maria da Graça Santos

A Revista BasqueteSC é uma edição trimestral da Federação Catarinense de Basketball. Todos os direitos são reservados, sendo proibida a reprodução total ou parcial de qualquer artigo ou imagem desta obra sem a autorização por escrito da FCB. A Revista BasqueteSC não se responsabiliza pelo conteúdo das colunas assinadas e/ou dos anúncios publicitários. Todo conteúdo voltado a publicação nesta revista deve ser enviado devidamente identificado.

4

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

34

MUDANÇA NO ESTATUTO PERMITE A CRIAÇÃO DO FCB SOCIAL


Adriano Krischke/FCB

OUTROS DESTAQUES...

TUDO SOBRE O CAMPEONATO CATARINENSE DE BASQUETE 2018

20

Sidnei Batista/APAB/FCB

GUIA DO ESTADUAL MASCULINO: 14 EQUIPES NA DISPUTA

06

CATARINENSES NAS PRINCIPAIS COMPETIÇÕES DO BRASIL

16

ENTREVISTA: BICÃO E OS 40 ANOS A SERVIÇO DO BASQUETE

30

FCB PROMOVE REVITALIZAÇÕES POR TODO O ESTADO

35

AÇÃO SOCIAL CONTEMPLA 12 INSTITUIÇÕES BENEFICENTES

38

NÚCLEOS ESTUDANTIS INICIAM ATIVIDADES EM 2018

42

LIGAS REGIONAIS LEVAM O ESPORTE A CADA CANTO DE SC

22

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

Ano 3 • # 9 • Julho de 2018 Florianópolis • Santa Catarina Distribuição gratuita e dirigida. www.basket-fcb.com.br

Adriano Krischke/FCB

VEM AÍ

O CAMPEONATO CATARINENSE DE BASQUETE 2018 TABELA COMPLETA DO ESTADUAL ADULTO FCB SOCIAL

GUIA DO ESTADUAL FEMININO: AUMENTO DE PARTICIPANTES

26

A EXPECTATIVA DE CADA TIME PARA A MAIOR COMPETIÇÃO DE SC

24 EQUIPES DISPUTAM O TÍTULO A PARTIR DE AGOSTO

FEDERAÇÃO AMPLIA LEQUE DE AÇÕES E GERA NOVOS INVESTIMENTOS SOCIAIS

CAPA  Nesta edição, a BasqueteSC traz como

destaque na capa o início da maior competição de basquete de Santa Catarina. 5


CENÁRIO NACIONAL Basquete Joinville-AABJ/Divulgação/FCB

CATARINENSES FAZEM BONITO NAS PRINCIPAIS COMPETIÇÕES DO BASQUETE BRASILEIRO 6

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


PELO SEGUNDO ANO CONSECUTIVO, SANTA CATARINA TEVE QUATRO REPRESENTANTES ENTRE OS PRINCIPAIS TIMES DO BASQUETE BRASILEIRO

C

om apoio da FCB e TRIMANIA, Blumenau, APAB/ Blumenau, AD Brusque e AABJ/Joinville disputaram a Liga de Basquete Feminino, a Liga Ouro e o NBB, respectivamente. Entre novembro e maio, o amante da modalidade da bola laranja pôde presenciar grandes jogos, as principais estrelas, ginásios cheios e muita emoção em quadra. O basquete ainda voltou a movimentar uma grande cadeia de profissionais do esporte, gerando empregos diretos e indiretos, além de inspirar as novas gerações. "Agora é buscar os objetivos do basquete catarinense: atingir várias Ligas e garantir um calendário sólido para as nossas equipes adultas, seja no NBB, na LBF ou na Liga Ouro”, ressalta o presidente da FCB, Oscar Archer. A partir de agosto, o foco das quatro equipes volta-se ao Campeonato Catarinense de Basquete 2018, mas já projetando o planejamento para os próximos desafios no cenário nacional. Ainda provocam, em outros times, o desejo de galgar espaços conquistados pelos atuais representantes de Santa Catarina nas competições brasileiras para, quem sabe, aumentar futuramente o número de integrantes tanto na Liga Ouro, como na LBF e até no NBB.

JOINVILLE CONTINUA NO NBB

A SUPERAÇÃO  Joinville encarou de igual para igual os principais times do país

13ª posição nem de perto lembrou antigas campanhas do Joinville no NBB, mas a participação na temporada 2017/18 atingiu o objetivo: permanecer na elite do basquetebol masculino do país. Depois de quatro anos ausente, o time do Norte do estado assegurou sua presença na próxima edição do campeonato, ajudando a consolidar o projeto e a devolver o mais alto patamar da modalidade ao município.

7


CENÁRIO NACIONAL Sidnei Batista/APAB/FCB

A “conquista” é importante também para o futuro do esporte em Santa Catarina, haja vista que o NBB atrai investidores, ampla cobertura da mídia e o interesse de novos jogadores. “Com orçamento enxuto e atletas formados em nosso projeto, avaliamos que nossa participação foi muito positiva, pois atingimos o objetivo mínimo que era permanecer no NBB”, ressalta Kelvin Soares, dirigente da AABJ. Opinião ratificada pelo presidente da Federação, Oscar Archer. “O Joinville foi uma equipe que teve alguns percalços nesta campanha, com muitas contusões, mas fez um resultado ótimo. É um time que tem história no NBB e esse retorno foi importante para recuperar esse status", salienta. Em 28 partidas, o time do treinador George Salles venceu sete. Embora derrotado na maioria dos compromissos, Joinville lutou de igual para igual contra equipes de orçamento muito superiores como o Flamengo, 3º colocado na competição. A discrepância na folha salarial fez diferença dentro de quadra, ainda assim, coube ao time joinvilense buscar a manutenção no campeonato sem fazer loucuras e estourar as contas. “Tendo em mente que foi um dos torneios de maior investimento das equipes, a permanência se deve à entrega e luta de nossos atletas. Nosso orçamento foi o menor de todos, mas muito bem aplicado", reconhece Kelvin Soares. Garantido no próximo NBB, Joinville volta suas atenções para as disputas no estado até novembro. Após isso, inicia nova participação na elite do basquetebol brasileiro diante das principais agremiações do país.

RIVALIDADE  Duelo das últimas decisões estaduais se repetiu na Liga Ouro

BRUSQUE E BLUMENAU EM AÇÃO NA LIGA OURO

D

Tivemos uma participação discreta, mas com atuações melhores do que em 2017

epois da presença no ano passado, AD Brusque e APAB/ seis vitórias em 16 partidas, o que de certa forma Blumenau voltaram a representar Santa Catarina na Liga frustrou o atual campeão catarinense. “Tínhamos a Ouro. A divisão de acesso ao NBB ganhou fortes concorexpectativa muito boa devido a participação do ano rentes como os tradicionais Corinthians, Brasília e São José. passado e do nosso segundo semestre no sul-brasi“Em relação a 2017, o nível do campeonato esteve bem mais leiro e no campeonato estadual. Infelizmente a equipe forte, tanto que nenhuma equipe terminou a fase classificatória não esteve bem na competição, perdemos alguns invicta”, explica o presidente da AD Brusque, Zurico Frota. atletas machucados. Ainda tivemos uma contenção de O time brusquense terminou em 8º lugar, acumulando recursos em virtude do ano passado que foi complicaduas vitórias em 16 partidas. Apesar dos resultados, o dirigente do financeiramente quando demos uma arrumada na ZURICO FROTA, PRESIadmitiu que o desempenho em quadra recebeu elogios. “Tivecasa”, lamenta o presidente da APAB, Sérgio Corrêa. DENTE DA AD BRUSQUE mos uma participação discreta, mas com atuações melhores do Depois da Liga Ouro, ambos buscam repetir o que em 2017, tanto que, mesmo nas derrotas, vários placares cenário dos últimos cinco anos quando fizeram a foram apertados”, lembra Zurico. final do Campeonato Catarinense. No retrospecto, Blumenau acumula três Já Blumenau, por pouco não chegou aos playoffs novamente, termiconquistas (2014, 2015 e 2017), enquanto Brusque tem duas (2013 e 2016). nando em 7º lugar, uma posição abaixo da zona de classificação. Foram

8

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


BLUMENAU ALCANÇA RESULTADO HISTÓRICO NA LBF

O

Vitor Bett/LBF/FCB

SEMIFINALISTA  Blumenau terminou a LBF entre os quatro melhores times do Brasil

título não veio, mas Blumenau fez história em sua terceira participação na Liga de Basquete Feminino ao chegar às semifinais da principal competição entre as mulheres no país. Ao longo de cinco meses, foram 21 partidas disputadas com 10 vitórias e a eliminação diante do Vera Cruz/ Campinas, campeão nacional. Nas campanhas anteriores, as blumenauenses terminaram em 5º lugar no ano passado e em 7º na temporada 2011/12. Em 2014/15, Santa Catarina foi representada pelo Basquete Jaraguá, o qual ficou na 9ª posição. O bom desempenho rendeu, ao treinador João Camargo, o convite para integrar a comissão técnica da Seleção Brasileira nos Jogos Sul-Americanos. “Nossa participação nesta LBF foi muito positiva. Na Liga passada ficamos em quinto lugar entre seis equipes e neste ano ficamos em quarto entre nove participantes. A evolução foi excelente. Ao analisarmos os gastos de cada time, nosso resultado se torna ainda maior, pois o investimento está entre os menores em relação às demais, além disso renovamos muito nosso elenco com várias integrantes na faixa etária entre 19 e 23 anos”, diz o comandante blumenauense. Além do reconhecimento ao técnico, as atletas catarinenses também foram destaques. A ala Mariana e a armadora Cacá defenderam o escrete brasileiro diante das estrangeiras no Jogos das Estrelas da LBF. Ambas foram comandadas por Camargo na partida festiva disputada em Santo André durante o mês de abril. A segunda participação consecutiva na competição nacional deveu-se a inúmeros apoiadores, entre os quais a Federação Catarinense de Basketball e a TRIMANIA. “Esse ano, a situação da LBF se modificou com nova fórmula e roteiros de viagem, mas a Federação não ia deixar de ajudar seus afiliados. É interesse nosso continuar com equipes na elite do basquete nacional e não poderia admitir que um time que ganhou o Campeonato Estadual Adulto Feminino e os JASC invictos ficasse de fora da Liga. Por isso, esse incentivo foi importantíssimo e nós, como Federação, temos que ajudá-los”, declara o presidente da FCB, Oscar Archer.

9


CENÁRIO NACIONAL João Pires/LBF/FCB

CATARINENSES CONVOCADOS PARA SELEÇÃO BRASILEIRA 10

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


APAB/Divulgação/FCB

OS TÉCNICOS CAMARGO E CHICÃO IRÃO VESTIR VERDE E AMARELO EM 2018

O DE PARTIDA  Chicão (de jaqueta) deixa Blumenau rumo à Seleção Brasileira Masculina

Carlos Pontalti/FCB

RECONHECIMENTO  Depois de treinar o time brasileiro no Jogo das Estrelas da LBF, Camargo intregará Seleção Brasileira Feminina

bom trabalho frente ao basquete de Blumenau foi reconhecido pela CBB a dois profissionais. O técnico João Camargo será auxiliar da Seleção Brasileira Feminina no Sul-Americano, em agosto. O convite partiu após campanha histórica na Liga quando o Basquete Feminino de Blumenau terminou na 4ª posição. Ainda na competição, Camargo comandou a seleção nacional no Jogo das Estrelas. “Foi um ano de belos resultados. Fizemos uma campanha muito boa na LBF, com uma equipe jovem. Também fui coroado com a lembrança dos colegas para ser o treinador no Jogo das Estrelas. Isso me deixa muito feliz. A gente já vem trabalhando há algum tempo no sul do Brasil, mas é a primeira vez que eu posso servir a seleção”, diz o blumenauense de 57 anos, 16 à frente do basquete da cidade, condição que irá conciliar com o selecionado brasileiro. “Agradeço a todos que possibilitaram isso. JOÃO CAMARGO, TÉCEsse trabalho não é NICO DE BLUMENAU individual. Se fui lemCONVOCADO PARA A brado, é porque muitas SELEÇÃO BRASILEIRA pessoas me ajudaram no processo”, finaliza. Quem também foi chamado é o agora ex-treinador da base e ex-auxiliar técnico do time adulto da APAB/Blumenau, Francisco Bandeira. Chicão, como é conhecido, deixa a cidade para compor a comissão técnica permanente da Seleção Brasileira Masculina. “Estou indo para colaborar com o progresso do basquete brasileiro, mas vou sentir muita falta desses garotos. Eles foram especiais, sempre se dedicaram e deram o seu melhor. Não há palavras para descrever a emoção que sinto em ver o sucesso deles. Eu estarei longe, mas ao mesmo tempo perto”, afirmou Chicão em sua despedida da cidade. As convocações foram evidenciadas na página oficial e mídias sociais da Federação Catarinense de Basketball, demostrando a confiança e satisfação pelo reconhecimento aos dois profissionais pelo trabalho exercido em Santa Catarina ao longo dos últimos anos.

Se fui lembrado, é porque muitas pessoas me ajudaram no processo

11


 FLAGRANTE Sidnei Batista/FCB

12

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


OLHO NO OLHO

A

marcação estava tão apertada no duelo entre Blumenau e Unifacisa, pela Liga Ouro, que os jogadores não tiravam o olho do adversário.

13


 FLAGRANTE Adriano Krischke/FCB

14

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


SOB A BATUTA DO PROFESSOR

N

a partida válida pela fase inicial da Taça FCB, o treinador Kenyo Nunes acompanhou atentamente a jogada da ADIEE/Avaí diante da ABAVI/Balneário Camboriú.

15


 ENTREVISTA - BICÃO CARLOS PONTALTI/DIVULGAÇÃO/FCB

BICÃO:

40 ANOS A SERVIÇO DO BASQUETE 16

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


A TRAJETÓRIA DO ATLETA CAMPEÃO E ÁRBITRO RECONHECIDO QUE ASSUMIU A COMISSÃO DE ARBITRAGEM DA FCB COM IMPORTANTES METAS

S

e perguntarem por Ariovaldo Fernandes Carvalho, talvez poucas pessoas saibam de quem se trata. Mas ao falar sobre “Bicão”, certamente as referências serão das mais positivas no basquetebol. Paulista de Osvaldo Cruz, terra de Magic Paula como frisou na conversa com a reportagem de BasqueteSC, o ex-ala/armador, oito vezes campeão dos JASC por Lages na década de 80, voltou às quadras após a aposentadoria para atuar na arbitragem. Na nova função, foram mais 30 anos até que o momento de parar chegou. Em 2017, Bicão saiu das quatro linhas, no entanto, sua experiência foi requisitada pelo presidente da FCB para que assumisse a Comissão de Arbitragem da entidade. Foi o próprio Oscar Archer quem o incentivou no retorno ao basquete, pois Em 2017, foram realizados 1.300 mesmo atuando na modalidade da bola jogos de basquete no estado nas laranja, Ariovaldo migrou para o vôlei, algo mais diversas categorias. Neste inconcebível para o mandatário. Desde ano, serão cerca de 1.500 jogos disaquela época: convite feito, convite aceito! putados, mais de 20 campeonatos (incluindo clubes e seleções), 202 No início de 2018, assumiu um dos times participantes de 38 clubes principais quadros do país, o único no filiados. Além disso, são 7 Ligas ReBrasil a enviar representantes aos Jogos gionais e um quadro de arbitragem Olímpicos do Rio de Janeiro, buscando com 156 profissionais (76 árbitros e inovações como o Plano de Carreiras 80 oficiais de mesa). para a categoria. A tarefa de Bicão ainda envolve a renovação de nomes através das Clínicas de Iniciação, uma em cada localidade abrangida pelas Ligas Regionais. “Santa Catarina está um passo à frente em termos de organização e administração em suas diversas áreas e na arbitragem não é diferente. Depois das experiências como atleta, na função de árbitro percebi que ela requer muito trabalho e pude valorizar ainda mais o que tem sido feito nos últimos anos”, diz. Trabalho não vai faltar pois, se em 2017 foram realizados 1.300 jogos em Santa Catarina, a previsão para este ano é alcançar os 1.500. Mas como diz o filme, para Bicão, missão dada é missão cumprida!

Nas próximas páginas, confira um pouco da trajetória do ex-atleta, árbitro, dirigente, pai e amante do esporte!

17


 ENTREVISTA - BICÃO ADRIANO KRISCHKE/FCB

TRAJETÓRIA BICÃO: Tive uma carreira bastante proveitosa. Eu morava no interior do estado de São Paulo, em Osvaldo Cruz (terra natal da Magic Paula), onde comecei a aprender um pouco de basquete e logo entrei na equipe júnior do Clube das Bandeiras, chegando até o adulto. Disputei campeonatos paulistas e fui duas vezes vice-campeão dos Jogos Abertos do Estado de São Paulo. Em 1982 estava me formando, quando um grupo de Lages resolveu montar aquela famosa equipe e eu vim. Fiquei e me aposentei tanto no trabalho quanto no basquete na equipe em Lages. Joguei profissionalmente até 1988/89 quando fui deixando de ser jogador e passei a atuar única e exclusivamente como árbitro.

TRANSIÇÃO JOGADOR – ÁRBITRO BICÃO: Antes de me tornar árbitro de basquete, eu já era árbitro de voleibol. Aí o presidente da FCB, Oscar Archer, achava impossível um jogador de basquete não ser árbitro na modalidade e atuar no vôlei. Ele me convidou para vir para a Federação Catarinense, onde até o ano passado apitei inúmeras partidas do estadual, Campeonato Brasileiro, Liga Nacional, até que resolvi encerrar minha carreira. Foi aí que o presidente fez o convite para eu vir mais para o lado de dentro da Federação, deixando as quatro linhas e passando a ser Diretor de Arbitragem da FCB.

COMISSÃO DE ARBITRAGEM BICÃO: Sempre tratei e trato todo mundo com bastante respeito. Acho que o Sr. Oscar fez esse convite até pelo bom relacionamento que tenho com o grupo. Hoje, são mais de 70 árbitros atuando no quadro e inúmeros oficias de mesa, além dos 11 representantes. É lógico que é uma função totalmente diferente de tudo o que fazia, mas, dentro dessa possibilidade de ser diretor, acho que estamos mudando um pouco a cara da Federação, tentando valorizar os jovens que estão iniciando e dar um norte não só para eles, como para a entidade no geral.

18

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

DESPEDIDA  Estadual adulto masculino e Sul-Brasileiro de Seleções sub-17 foram as últimas competições arbitradas por Bicão

JOVENS NA ARBITRAGEM BICÃO: Há muitos ex-atletas e até jogadores pendendo para este lado. Fico bastante gratificado, pois mostra que estamos no caminho certo em busca da renovação. Nada melhor para isso do que os Cursos de Iniciação. No primeiro (Florianópolis), tivemos 98 inscritos; no segundo (Joinville), 62. A agenda ainda contempla Lages, Criciúma, Itajaí, Chapecó e encerramos em Blumenau.

PLANO DE CARREIRA BICÃO: Sempre briguei por isso, pois é preciso ter um espelho, mas de nada adianta se não houver um Plano de Cargos e Salários. Logo quando cheguei, a Federação entendeu, implantou e está sendo muito bem aceito pelo quadro de arbitragem. Isso está sendo demonstrado justamente na grande procura pelos Cursos de Iniciação por novos valores.


FOTOS: Arquivo Pessoal/Divulgação/FCB

PIRA OLÍMPICA NOS JASC 2017 EM LAGES BICÃO: Esse reconhecimento por tudo o que fiz profissionalmente me deixou muito contente. Acender a pira olímpica dentro da sua cidade foi bem marcante. TÍTULOS  Ala/armador, Bicão conquistou vários JASC por Lages

REFERÊNCIAS BICÃO: Sempre joguei em grupos fechados, como a equipe de Lages que era fantástica. Nomes como o Dito, parceiro de quadra tanto no apito quanto nos jogos; o Camargo, técnico hoje de Blumenau; o Sílvio. Tive contato com ótimos jogadores. Entre os treinadores, sempre me espelhei, gostei e ainda gosto das atitudes do Antônio Carlos Vendramini, que foi meu técnico em São Paulo, comandou a Seleção Brasileira e disputou a final da Liga de Basquete Feminino.

FAMÍLIA

MÃO SANTA  Bicão era reconhecido por ser exímio arremessador

ARBITRAGEM CATARINENSE NOS NÍVEIS NACIONAL E INTERNACIONAL BICÃO: O resultado é expressivo pelo número de árbitros de Santa Catarina representando não só o estado, mas o Brasil e o mundo em competições nacionais e internacionais como Jogos Olímpicos e Mundiais. Nós perdemos o Cristiano Maranho, mas o nosso quadro continua bastante significativo com três árbitros internacionais (Enaldo de Souza, Guilherme Locatelli e Eduardo Albano). Para minha felicidade, no final de maio tive a confirmação de várias de nossas mesárias no quadro da FIBA: Dóris Castro, Maria Cristina Pires e Neusa Nicolak, todas de Joinville, além da Rachel Castro e Robson Castro que também integram o quadro internacional. Estou bastante satisfeito pelo número de pessoas que cada vez mais alcançam novos horizontes.

BICÃO: Um dos casos inusitados aconteceu quando eu apitava a Liga Nacional e fui participar de um jogo entre Joinville e Flamengo. Minha filha insistiu para assistir à partida, mas ela não tinha a dimensão do que é o pai na quadra e fora dela. Na viagem, disse para não se intimidar, pois a pressão seria muito grande. Ela foi, sentou na arquibancada e quando acabou o jogo, não se levantava. Quando questionei o que tinha ocorrido, ela respondeu: “mesmo não me manifestando, já descobriram que sou sua filha”. Foi um jogo tranquilo, mas ela disse: “pai, não quero mais assistir a um jogo teu”. Apesar de esposa e filhos gostarem (o filho Renato Carvalho faz parte do quadro de arbitragem nacional da FCB), esses fatos que acontecem extra-quadra mexem com você lá dentro pela pressão normal sofrida. Por isso que o árbitro sempre precisa ter uma postura dentro e fora de quadra. Fora dela, é aquele cara conhecido por todos; lá dentro, poucos te conhecem.

CONSELHO BICÃO: É preciso perseverança. Basquete é uma modalidade extremamente de precisão, então não existe jogador por acaso. Para ser árbitro, é necessário o mínimo de dom. Vejo que se um jogador quiser se tornar árbitro, tem 50% a mais de chances porque já conhece as entrelinhas da quadra, o que torna a tarefa um pouco mais fácil. Ele vê o jogo de forma diferente.

19


ESTADUAL ADULTO 2018 Adriano Krischke/FCB

VEM AÍ O CAMPEONATO CATARINENSE DE BASQUETE 20

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


EDIÇÃO DE 2018 TERÁ 24 EQUIPES ABRANGENDO TODAS AS REGIÕES DE SANTA CATARINA

A

gosto marca o início de mais um Campeonato Catarinense de Basquete. Será a 24ª edição da principal disputa no estado e, curiosamente, 24 equipes participam da competição nos naipes masculino e feminino, o mesmo número do ano passado. A definição aconteceu, no final de março, em Assembleia Geral realizada em Florianópolis. Até novembro, Santa Catarina conhecerá seus novos campeões numa temporada atípica, marcada por greve de caminhoneiros, Copa do Mundo, JASC em setembro e eleições em dois turnos. “Temos que tornar as nossas modalidades mais eficientes, aproveitando melhor nossos investimentos”, analisa o presidente da FCB, Oscar Archer. Também por isso, a entidade mexeu na fórmula, dividindo as equipes em chaves classificatórias, mata-mata e a grande decisão. Tal disposição vai proporcionar o número mínimo de 12 partidas por time. “A intenção da Federação com esse formato é de promover mais jogos, que os times atuem mais e o campeonato tenha uma duração maior até para aumentar o nível técnico da competição”, comenta o Diretor Técnico, Luiz Gastão Dubois, frisando o aporte financeiro realizado pela FCB por ser o Campeonato Catarinense de Basquete, o “nosso carro chefe”, conclui. Apesar do novo sistema de disputas, a briga, no bom sentido, será para quebrar a hegemonia de Blumenau, vitorioso em 2017 entre os homens e as mulheres. Candidatos não faltam, o que acirra ainda mais a rivalidade e torna Santa Catarina referência OSCAR ARCHER, no cenário nacional tanto em quantidade PRESIDENTE DA FCB quanto em qualidade. “O evento estadual deverá ser muito disputado, pois o crescimento do nível técnico da competição tem sido considerável nos últimos anos, reflexo do investimento da Federação nos clubes. Tudo aponta a um acerto nas diretrizes traçadas pelo presidente Oscar Archer nas suas estratégias de evolução da modalidade. O fato tem chamado a atenção das ligas nacionais e da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), pois nosso estado tem quatro equipes disputando certames nacionais com destaque", salienta Kelvin Soares, diretor da AABJ/Joinville, único representante catarinense no NBB e um dos postulantes ao título masculino em 2018. Além dos joinvilenses, os demais componentes do estado que fizeram parte do cenário brasileiro neste ano e entrarão na briga pelo troféu são: APAB/Blumenau, AD Brusque e Basquete Blumenau. A competição ainda apresenta times de outras 12 cidades: Florianópolis, São José, Criciúma, Jaraguá do Sul, Concórdia, Chapecó, Rio do Sul, São Miguel do Oeste, Videira, Joaçaba, Balneário Camboriú e Itajaí. O título sairá no detalhe, mas o amante do esporte pode esperar alto nível de basquetebol nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro.

Temos que tornar as nossas modalidades mais eficientes, aproveitando melhor nossos investimentos

21


ESTADUAL ADULTO 2018 Adriano Krischke/FCB

MASCULINO: 14 EQUIPES NA DISPUTA EM 2018

C

om dois integrantes na Liga Ouro e um no NBB, o estadual masculino promete ser bastante disputado na edição 2018. Apesar das últimas cinco decisões terem sido jogadas entre Blumenau e Brusque, a expectativa de dirigentes, treinadores e atletas é de equilíbrio do início ao fim. "Este ano será muito competitivo. Acredito que teremos o estadual mais forte do Brasil”, projeta Richard Ewald, dirigente do Blackstar, equipe de Joinville que vai para sua segunda temporada consecutiva. Quem também continua na disputa, após recentes participações, são os times da ABLUJHE/Joaçaba, ABOT/Joinville, AJAB/Jaraguá do Sul, Independente/São José e Criciúma. Além destes, seguem os tradicionais escretes da ADIEE/Avaí, ABAVI/Balneário Camboriú, Projeto Escola Basquete/Rio do Sul e AVIBA/Videira, treinada pelo experiente Fábio Wonzoski que enaltece o perfil do campeonato: “Nosso estadual é muito competitivo e dá a oportunidade a vários jovens mostrarem seu valor”, avalia. Somada aos recém-chegados e aos mais antigos, uma equipe retorna após ausência em 2017: a ACOB/Concórdia, quarta colocada em 2015. Integrante do Meio-Oeste de Santa Catarina, o comandante Rubens Mascelani classifica os fortes times de Joinville, Brusque e Blumenau como os adversários a serem batidos. “Nós temos algumas RICHARD EWALD, DIRIGENequipes em nosso estado que são TE DO BLACKSTAR praticamente insuperáveis até porque participaram das últimas etapas da Liga Ouro e do NBB, mas as demais são todas muito próximas”, cita. Embora fortes, os três participantes do cenário nacional não estarão do mesmo lado na primeira fase, pois os 14 times foram divididos em duas chaves de acordo com a classificação no ano anterior. Sete de um lado e sete de outro lutam por oito vagas às quartas-de-final. Em seguida, os vencedores fazem as semifinais e os dois melhores disputam a decisão do Campeonato Catarinense de Basquete 2018. Esta nova composição aumentará a rivalidade, pelo menos é o que projeta o treinador da AJAB/Jaraguá do Sul, João Machado. “A fórmula de disputa está mais forte por serem duas chaves de sete equipes, crescendo a competitividade dentro de quadra. Cada vez mais a FCB consegue massificar e deixar o campeonato atrativo”, afirma. E se não faltam motivos para acompanhar os jogos espalhados por cinco regiões (Sul, Grande Florianópolis, Vale do Itajaí, Norte e Oeste), o torcedor está convocado a comparecer nos ginásios para torcer, vibrar e presenciar o maior estadual adulto do basquetebol em Santa Catarina.

Este ano será muito competitivo. Acredito que teremos o estadual mais forte do Brasil

22

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

EMOÇÃO  Disputa promete ser acirrada em 2018


23


ESTADUAL ADULTO 2018 Sidney Silva/EsporteSC/FCB

RETORNO  Após um ano ausente, Concórdia (azul) volta ao estadual adulto

EQUIPES PARTICIPANTES

CAMPEÕES* - MASCULINO

CHAVE A

CHAVE B

APAB/Blumenau Ablujhe/Joaçaba Blackstar/Joinville AJAB/Jaraguá do Sul ABOT/Joinville ACOB/Concórdia ABAVI/Balneário Camboriú

B A.D. Brusque AABJ/Joinville Independente/São José ADIEE/Avaí Criciúma Basquete Clube/Criciúma Projeto Escola/Rio do Sul AVIBA / Videira

FÓRMULA DE DISPUTA 1. Duas chaves com sete times cada (jogos em turno e returno); 2. Quatro por chave avançam após a fase de classificação; 3. Quartas-de-final em melhor de três jogos contra times do grupo

contrário (1º x 4º e 2º x 3º);

4. Semifinais em jogo único; 5. Final em jogo único.

24

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

ANO CAMPEÃO

VICE

2017 APAB/BLUMENAU AD BRUSQUE 2016 AD BRUSQUE APAB/BLUMENAU 2015 APAB/BLUMENAU AD BRUSQUE 2014 APAB/BLUMENAU AD BRUSQUE 2013 AD BRUSQUE APAB/BLUMENAU 2012 JBA/JOINVILLE AD BRUSQUE 2011 JBA/JOINVILLE AD BRUSQUE 2010 JBA/JOINVILLE AD BRUSQUE 2009 JBA/JOINVILLE AVIBA/VIDEIRA 2008 JOINVILLE E.C AVIBA/VIDEIRA 2007 JOINVILLE E.C IPIRANGA/BLUMENAU 2006 JOINVILLE E.C IPIRANGA/BLUMENAU 2005 BOM JESUS/JOINVILLE ADEBLU/BLUMENAU 2004 BOM JESUS/JOINVILLE AD LAGES 2003 ADEBLU/BLUMENAU BANDEIRANTE/BRUSQUE 2002 BANDEIRANTE/BRUSQUE AD LAGES 2001 BANDEIRANTE/BRUSQUE IPIRANGA/BLUMENAU 2000 IPIRANGA/BLUMENAU BANDEIRANTE/BRUSQUE (*) Em 2006 e 2009 houve 2ª divisão. Os campeões foram: Universitário/Florianópolis e AJAB/Jaraguá do Sul.


EXPECTATIVAS DE DIRIGENTES - MASCULINO Sem dúvida nenhuma viremos fortes para o estadual e se for possível vamos emendar o começo de 2019 com nova participação na Liga Ouro, almejando a vaga no NBB. SÉRGIO CORRÊA, APAB/BLUMENAU - CHAVE A

Nossa equipe esse ano passou por uma reformulação na parte técnica, porém manteve a mesma base dos últimos dois anos. A expectativa é de chegar entre os quatro primeiros novamente, tentando bater de frente com os grandes. RENAN PAZIN, ABLUJHE/JOAÇABA - CHAVE A

Nossa meta é terminar entre os quatro primeiros. Ano passado ficamos em quinto lugar e esse ano temos que subir um degrau. RODRIGO LIMA, BLACKSTAR/JOINVILLE - CHAVE A

Mesmo com a reativação do basquete na cidade no ano passado, tivemos uma boa performance. Para 2018, temos 90% de atletas de Jaraguá do Sul e almejamos ficar entre os oito melhores do estado novamente. Queremos dar um passo de cada vez para no futuro entrarmos nas competições nacionais. JOÃO FELIPE MACHADO, AJAB/JARAGUÁ DO SUL - CHAVE A

Temos a expectativa de classificarmos para a próxima fase e brigar para estar nas finais mesmo sabendo que as equipes com maior investimento estão cada dia mais fortes. GUILHERME BEZ, ABOT/JOINVILLE - CHAVE A

Expectativa boa em função de estarmos com uma equipe jovem, mas com pessoas muito comprometidas com o propósito do nosso clube. A gente espera levar vantagem sobre a maioria e buscar ficar entre as seis primeiras equipes deste estadual. RUBENS MASCELANI, ACOB/CONCÓRDIA - CHAVE A

Continuamos trabalhando, treinando e a hora que for para jogar, estaremos em quadra onde for, sempre levando o nome da ABAVI e do nosso município. Os atletas da casa são competentes, guerreiros e já atuaram em outros lugares antes de voltarem a Balneário Camboriú. JOÃO ALBERTO MARTINS, ABAVI/BALNEÁRIO CAMBORIÚ - CHAVE A

Perdemos alguns importantes jogadores, mas vamos trabalhar para remontar a equipe e seguir em busca do pódio, sempre lembrando que Brusque disputou as últimas nove finais do estadual adulto. ZURICO FROTA, A.D. BRUSQUE - CHAVE B

Nossa participação no estadual deverá ser com a melhor equipe possível, já que no ano passado acabamos com um resultado muito abaixo das expectativas. KELVIN SOARES, AABJ/JOINVILLE - CHAVE B

Nossa expectativa é subir mais um degrau da escada, pois no ano passado chegamos aos playoffs e neste queremos nos colocar entre os quatro primeiros. Conseguimos manter a base de 2017 e chegaram mais dois reforços pontuais. VICENTE KALBUSCH, INDEPENDENTE/SÃO JOSÉ - CHAVE B

Estamos com uma equipe muito nova, com os meninos que vêm da base, reforçada com alguns adultos em posições pontuais. Acredito que vamos fazer uma boa campanha como no ano passado e quem sabe ficar entre os quatro primeiros. KENYO NUNES, ADIEE/AVAÍ - CHAVE B

Buscamos uma evolução em relação ao ano passado e queremos lutar por uma classificação para a fase das finais. RENAN CUSTÓDIO, CRICIÚMA - CHAVE B

Mantivemos nossa base do ano passado e esperamos lograr êxito neste ano. Nossa equipe é boa e competitiva. Acredito que iremos surpreender positivamente. EDUARDO CARTIER, PROJETO ESCOLA/RIO DO SUL - CHAVE B

Trabalhamos com uma estrutura bem enxuta, mas sempre estamos figurando entre as forças maiores do estado. Nossa equipe irá com vários pratas da casa e algumas contratações pontuais. Desde já agradecemos a Federação pela competência do campeonato. FÁBIO WONZOSKI, AVIBA/VIDEIRA - CHAVE B

25


ESTADUAL ADULTO 2018 Adriano Krischke/FCB

CAMPEONATO FEMININO TERÁ MAIOR NÚMERO DE PARTICIPANTES

S

e no último ano foram oito times, em 2018 este número subiu para dez integrantes no estadual adulto feminino. As novidades ficam por conta dos retornos de Balneário Camboriú e Jaraguá do Sul ao certame. O incremento é fruto da política da Federação Catarinense de Basketball ao contemplar a presença da mulher dentro das quadras. “Estamos fazendo investimentos fortes no basquete feminino, valorizando a figura da mulher dentro da Federação. Nós torcemos para que haja esse crescimento tanto quanto acontece entre os homens”, ressalta o Diretor de Planejamento da entidade, Jairo Anello. Apesar do aumento de participantes, a fórmula de disputa segue semelhante JAIRO ANELLO, DIRETOR DE em relação ao último ano. PLANEJAMENTO DA FCB Continuam duas chaves, onde avançam três times de cada lado para a fase seguinte. Os líderes descansam, enquanto os 2º e 3º fazem as quartas-de-final em melhor de três jogos. Os vitoriosos enfrentam os primeiros colocados de cada chave nas semifinais e quem vencer segue para a grande decisão. Assim como no masculino, a composição dos grupos respeita o resultado do último ano no Campeonato Catarinense de Basquete.

Estamos fazendo investimentos fortes no basquete feminino, valorizando a figura da mulher

EQUIPES PARTICIPANTES

26

CHAVE A

CHAVE B

Basquete Blumenau

CB Chapecó

ADIEE/Avaí

Colégio Salesiano/Itajaí

SATC/Criciúma

ABASMO/S. Miguel do Oeste

ABAVI/Baln. Camboriú

Ginástico/Joinville

Projeto Escola/Rio do Sul

Basquete Jaraguá

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

CRESCIMENTO  Mais de 200 atletas participarão do estadual feminino

FÓRMULA DE DISPUTA 1. Duas chaves com cinco times cada (jogos em turno e returno); 2. Três melhores avançam, sendo que os líderes seguem direto às

semifinais; 3. Quartas-de-final em melhor de três jogos contra times do grupo contrário (2º x 3º); 4. Semifinais em jogo único (1º de cada chave x vencedores das quartas-de-final); 5. Final em jogo único.


EXPECTATIVAS DE DIRIGENTES - FEMININO Nossa ideia é mantermos a base que disputou a Liga de Basquete Feminino, tentarmos fazer um belo campeonato e chegarmos à final. Sabemos que será um campeonato muito disputado, mas procuraremos fazer nosso melhor. JOÃO CAMARGO, BASQUETE BLUMENAU - CHAVE A

Vamos apostar nas meninas mais novas e fazer uma competição equilibrada contra as grandes equipes. Estamos trabalhando desde abril para prepará-las e tentar uma vaga na fase final da competição. LUCAS BOAVENTURA, ADIEE/AVAÍ - CHAVE A

Nossas atletas são novas, mas vêm fortes das categorias de base, pois conseguiram bons resultados em algumas etapas. Esperamos nos classificar na chave de grupos e depois apresentar bons jogos para seguirmos em frente na competição. ANTONIO LUIZ SORATTO, SATC/CRICIÚMA - CHAVE A

A expectativa é de retornar ao torneio, pois ficamos fora no ano passado, de maneira organizada como espelho para as categorias de base. MAIKON GUERIOS, ABAVI/BALNEÁRIO CAMBORIÚ - CHAVE A

Entramos no estadual para possibilitar à nossa base a visualização de se constituir uma atleta profissional. Temos pretensões bastante modestas, mas com muito empenho e dedicação. EDUARDO CARTIER, PROJETO ESCOLA/RIO DO SUL - CHAVE A

A expectativa é disputar as finais em condições de buscar o título. Mantivemos praticamente a equipe de 2017, apostando no entrosamento e nos treinamentos. Teremos um ano com várias competições e sempre estamos entre os primeiros colocados. LUIZ LIMA VASCONCELLOS, CB CHAPECÓ - CHAVE B

Expectativa é das melhores. Nossa equipe é a mesma do ano passado com reforços e retornos. Esperamos conseguir nos manter no pódio, como ano passado, ou brigar pela vice-liderança. GUSTAVO BUSSMAN, COLÉGIO SALESIANO/ITAJAÍ - CHAVE B

Pretendemos buscar uma mescla de atletas jovens do sub17, onde fomos campeões estaduais em 2017, com as atletas do adulto. A equipe já está em treinamento há pelo menos dois meses, comandadas pelo treinador Osvaldo Corrêa. RODRIGO SCHARTZ, ABASMO/SÃO MIGUEL DO OESTE - CHAVE B

Nossa expectativa é chegar entre as quatro classificadas para as finais do campeonato. A gente continua com a filosofia do clube de valorizar as categorias de base, por isso nosso time será uma mescla entre a equipe sub-19 e mais três atletas adultas. FABIANO BORGES, SOCIEDADE GINÁSTICA/JOINVILLE - CHAVE B

Novamente entraremos no adulto com um projeto para dar continuidade às meninas que saem das categorias de base. Teremos uma equipe com base nos Joguinhos Abertos e algumas atletas mais experientes. Um projeto para três anos. JÚLIO PATRÍCIO, BASQUETE JARAGUÁ - CHAVE B

CAMPEÕES* - FEMININO ANO CAMPEÃO

VICE

2017 2016 2015 2014 2013 2012 2011 2010

CB CHAPECÓ Basquete Blumenau CB CHAPECÓ CB CHAPECÓ CB CHAPECÓ CB CHAPECÓ ADIEE/FLORIANÓPOLIS ABF/JOINVILLE

Basquete Blumenau CB CHAPECÓ Basquete Blumenau Basquete Blumenau Basquete Blumenau Basquete Blumenau Basquete Blumenau Basquete Blumenau

(*) Em 2004, não houve disputas.

ANO CAMPEÃO

VICE

2008 ADIEE/FLORIANÓPOLIS 2007 ADIEE/FLORIANÓPOLIS 2006 Basquete Blumenau 2005 Basquete Blumenau 2003 AD LAGES 2002 AD LAGES 2001 ABAJ/JOINVILLE 2000 Basquete Blumenau

Basquete Blumenau Basquete Blumenau AJAB/JARAGUÁ DO SUL BOM JESUS/JOINVILLE Basquete Blumenau ADIEE/FLORIANÓPOLIS ADIEE/FLORIANÓPOLIS ABAJ/JOINVILLE

27


ESTADUAL ADULTO 2018

JOGOS DA CATEGORIA ADULTO MASCULINO CHAVE A

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – TURNO DATA

DIA

02/08 03/08 03/08 04/08 04/08 04/08

Qui APAB Blumenau Sex ABLUJHE / SPECHT Sex ACOB / SENAC / FMEC / Passarela Sáb ABLUJHE / SPECHT Sáb ACOB /SENAC / FMEC / Passarela Sáb Joinville Blackstar

JOGOS DA 1ª RODADA

DATA

DIA

08/08 10/08 10/08 11/08 11/08

Qua ACOB / SENAC / FMEC / Passarela Sex APAB Blumenau Sex Basquete Jaraguá / AJAB / Secel Sáb Joinville Blackstar Sáb ABAVI / FME / Balneário Camboriú

DATA

DIA

Joinville Blackstar X X Basquete Jaraguá / AJAB / Secel Our Team X Our Team X X Basquete Jaraguá / AJAB / Secel X ABAVI / FME / Baln. Camboriú

JOGOS DA 2ª RODADA

ABLUJHE / SPECHT X X ACOB /SENAC / FMEC / Passarela Joinville Blackstar X Our Team X X ACOB /SENAC / FMEC / Passarela

JOGOS DA 3ª RODADA

16/08 Qui Basquete Jaraguá / AJAB / Secel 17/08 Sex Our Team 18/08 Sáb ABLUJHE / SPECHT 18/08 Sáb Our Team 18/08 Sáb Basquete Jaraguá / AJAB / Secel 19/08 Dom ACOB /SENAC / FMEC / Passarela DATA

DIA

21/08 23/08 24/08 25/08

Ter ABAVI / FME / Balneário Camboriú Qui Our Team Sex APAB Blumenau Sáb ABAVI / FME / Balneário Camboriú

APAB Blumenau X X ABAVI / FME / Baln. Camboriú X Joinville Blackstar X APAB Blumenau X ABAVI / FME / Baln. Camboriú Joinville Blackstar X

JOGOS DA 4ª RODADA

APAB Blumenau X X Basquete Jaraguá / AJAB / Secel X ABLUJHE / SPECHT ABLUJHE / SPECHT X

DATA

DIA

30/08 31/08 31/08 31/08 01/09 01/09 01/09

Qui Joinville Blackstar Sex Basquete Jaraguá / AJAB / Secel Sex Our Team Sex APAB Blumenau Sáb Our Team Sáb Basquete Jaraguá / AJAB / Secel Sáb ABAVI / FME / Balneário Camboriú

DATA

DIA

JOGOS DA 1ª RODADA

DIA

Sex ADIEE / Avaí / FME Sex Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania Sáb Independente / São José Sáb Criciúma Basquete Clube

LOCAL

Concórdia Blumenau Jaraguá do Sul Joinville Baln. Camboriú LOCAL

Jaraguá do Sul Joinville Joaçaba Joinville Jaraguá do Sul Concórdia LOCAL

Baln. Camboriú Joinville Blumenau Baln. Camboriú

LOCAL

APAB Blumenau Joinville X ABLUJHE / SPECHT Jaraguá do Sul X Joinville X ACOB /SENAC / FMEC / Passarela Blumenau X ABAVI / FME / Balneário Camboriú X ABLUJHE / SPECHT Joinville X ACOB /SENAC / FMEC / Passarela Jaraguá do Sul Joinville Blackstar Baln. Camboriú X LOCAL

X X X X X X

Joinville Joaçaba Jaraguá do Sul Joinville Concórdia Joaçaba

DATA

DIA

27/09 27/09 28/09 28/09 29/09 29/09

Qui APAB Blumenau Qui ABAVI / FME / Balneário Camboriú Sex Joinville Blackstar Sex APAB Blumenau Sáb ABAVI / FME / Balneário Camboriú Sáb Joinville Blackstar

Basquete Jaraguá / AJAB / Secel ACOB /SENAC / FMEC / Passarela Our Team Joinville Blackstar ABAVI / FME / Balneário Camboriú ABAVI / FME / Balneário Camboriú

JOGOS DA 3ª RODADA

Our Team X X Basquete Jaraguá / AJAB / Secel ABLUJHE / SPECHT X X Basquete Jaraguá / AJAB / Secel Our Team X X ACOB /SENAC / FMEC / Passarela

DATA

DIA

05/10 06/10

Sex ACOB /SENAC / FMEC / Passarela X Sáb ABLUJHE / SPECHT X

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

DATA

03/08 03/08 04/08 04/08

JOGOS DA 2ª RODADA

20/09 Qui Joinville Blackstar 21/09 Sex ABLUJHE / SPECHT 21/09 Sex Basquete Jaraguá / AJAB / Secel 22/09 Sáb Our Team 22/09 Sáb ACOB /SENAC / FMEC / Passarela 23/09 Dom ABLUJHE / SPECHT

28

LOCAL

Blumenau Joaçaba Concórdia Joaçaba Concórdia Joinville

CHAVE A

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – RETURNO

JOGOS DA 4ª RODADA

APAB Blumenau APAB Blumenau

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – TURNO

LOCAL

Blumenau Baln. Camboriú Joinville Blumenau Baln. Camboriú Joinville LOCAL

Concórdia Joaçaba

JOGOS DA 1ª RODADA

DATA

DIA

09/08 10/08 10/08 11/08 11/08

Qui A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Sex Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul Sex AVIBA / FMEV Sáb AVIBA / FMEV Sáb Independente / São José

X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul X AVIBA / FMEV X AVIBA / FMEV X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul

JOGOS DA 2ª RODADA

DATA

DIA

16/08 17/08 17/08 17/08 18/08 18/08 18/08

Qui Sex Sex Sex Sáb Sáb Sáb

DATA

DIA

21/08 21/08 25/08 24/08 28/08

Ter Joinville / Unisociesc /Red Horse / Trimania Ter ADIEE / Avaí / FME Sáb Criciúma Basquete Clube Sex Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul Ter ADIEE / Avaí / FME

Independente / São José X X Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania X ADIEE / Avaí / FME X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe X Criciúma Basquete Clube

JOGOS DA 3ª RODADA

Joinville / Unisociesc /Red Horse / Trimania A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul Criciúma Basquete Clube Independente / São José A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Criciúma Basquete Clube

Independente / São José X ADIEE / Avaí / FME X AVIBA / FMEV X X Joinville / Unisociesc /Red Horse / Trimania X ADIEE / Avaí / FME X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul AVIBA / FMEV X

JOGOS DA 4ª RODADA

X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe X Criciúma Basquete Clube X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Independente / São José X X Joinville / Unisociesc /Red Horse / Trimania

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – RETURNO DATA

DIA

31/08 31/08 01/09 01/09 01/09 04/09 06/09

Sex Sex Sáb Sáb Sáb Ter Qui

DATA

DIA

JOGOS DA 1ª RODADA

AVIBA / FMEV Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul AVIBA / FMEV A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania Independente / São José

JOGOS DA 2ª RODADA

21/09 Sex Independente / São José 22/09 Sáb A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe 22/09 Sáb Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania 23/09 Dom ADIEE / Avaí / FME DATA

DIA

X Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe ADIEE / Avaí / FME X Independente / São José X X Criciúma Basquete Clube ADIEE / Avaí / FME X X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe AVIBA / FMEV X X Criciúma Basquete Clube AVIBA / FMEV X

JOGOS DA 3ª RODADA

27/09 Qui ADIEE / Avaí / FME 28/09 Sex AVIBA / FMEV 29/09 Sáb Independente / São José 29/09 Sáb ADIEE / Avaí / FME 29/09 Sáb AVIBA / FMEV 30/09 Dom Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul DATA

DIA

04/10 05/10 06/10 06/10

Qui A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe Sex Criciúma Basquete Clube Sáb Criciúma Basquete Clube Sáb Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania

X Independente / São José X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul X Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania X A.D. Brusque / FME / Aradefe / Unifebe X Criciúma Basquete Clube Criciúma Basquete Clube X

JOGOS DA 4ª RODADA

X Joinville / Unisociesc / Red Horse / Trimania X ADIEE / Avaí / FME X Independente / São José X Projeto Escola Basquete / FMD / Rio do Sul

CHAVE B LOCAL

Florianópolis Joinville São José Criciúma LOCAL

Brusque Rio do Sul Videira Videira Criciúma LOCAL

Joinville Brusque Rio do Sul Criciúma São José Brusque Criciúma LOCAL

Joinville Florianópolis Criciúma Rio do Sul Joinville

CHAVE B LOCAL

Videira Rio do Sul Rio do Sul Videira Brusque Joinville São José LOCAL

São José Brusque Joinville Florianópolis LOCAL

Florianópolis Videira São José Florianópolis Videira Rio do Sul LOCAL

Brusque Criciúma Criciúma Joinville


JOGOS DA CATEGORIA ADULTO FEMININO CHAVE A

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – TURNO DATA

DIA

02/08

Qui

Basquete Blumenau

JOGOS DA 1ª RODADA

LOCAL

DATA

DIA

X

Blumenau

04/08

Sáb

ADIEE / Avaí / FME

CHAVE B

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – TURNO

LOCAL

JOGOS DA 1ª RODADA

Salesiano / ABI / FMEL

X

C.B. Chapecó

Itajaí

Basquete Jaraguá / SECEL

X

C.B. Chapecó

Jaraguá do Sul

03/08

Sex

ADIEE / Avaí / FME

X Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul

Florianópolis

04/08

Sáb

SATC / FME

X Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul

Criciúma

DATA

DIA

04/08

Sáb

Basquete Blumenau

X

Blumenau

09/08

Qui

Basquete Jaraguá / SECEL

X

Salesiano / ABI / FMEL

Jaraguá do Sul

DATA

DIA

LOCAL

09/08

Qui

ABASMO

X

C.B. Chapecó

São Miguel do Oeste

10/08

Sex

ADIEE / Avaí / FME

X

SATC / FME

Florianópolis

DATA

DIA

11/08

Sáb

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

X

SATC / FME

Baln. Camboriú

14/08

Ter Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE X

Basquete Jaraguá / SECEL

Joinville

11/08

Sáb Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul X

Basquete Blumenau

Rio do Sul

18/08

Sáb

Jaraguá do Sul

16/08

Qui

X

ADIEE / Avaí / FME

Baln. Camboriú

DATA

DIA

24/08

Sex

25/08

Sáb Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul X ABAVI / FME / Balneário Camboriú

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

JOGOS DA 2ª RODADA

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

DIA

31/08

Sex

01/09

X

Criciúma

DATA

DIA

Rio do Sul

25/08

Sáb

SATC / FME

Basquete Blumenau

CHAVE A

21/08

26/08 Dom

Basquete Jaraguá / SECEL

X

ABASMO

Salesiano / ABI / FMEL

X

ABASMO

Itajaí

Salesiano / ABI / FMEL

Joinville

X Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE São Miguel do Oeste X Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE

C.B. Chapecó

Basquete Blumenau

Florianópolis

DATA

Sáb Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul X

SATC / FME

Rio do Sul

31/08

Sex

X

SATC / FME

Blumenau

01/09

Sáb

LOCAL

05/09

Qua

Basquete Jaraguá / SECEL

DIA

DIA

JOGOS DA 2ª RODADA

DIA

Chapecó

CHAVE B

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – RETURNO

X

Basquete Blumenau

LOCAL

JOGOS DA 4ª RODADA

ABASMO

LOCAL

ADIEE / Avaí / FME

LOCAL

JOGOS DA 3ª RODADA

Ter Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE X

LOCAL

LOCAL

JOGOS DA 2ª RODADA

JOGOS DA 1ª RODADA

02/09 Dom DATA

19/08 Dom

JOGOS DA 3ª RODADA

1ª FASE  CLASSIFICATÓRIA – RETURNO DATA

05/08 Dom

JOGOS DA 1ª RODADA

LOCAL

ABASMO

X

Salesiano / ABI / FMEL

São Miguel

C.B. Chapecó

X

Salesiano / ABI / FMEL

Chapecó

X Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE Jaraguá do Sul

06/09

Qui

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

X Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul

Baln. Camboriú

DATA

08/09

Sáb

Basquete Blumenau

X Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul

Blumenau

20/09

Qui

Salesiano / ABI / FMEL

DATA

DIA

LOCAL

22/09

Sáb

ABASMO

X

Basquete Jaraguá / SECEL

São Miguel

C.B. Chapecó

X

Chapecó

Jaraguá do Sul Chapecó

JOGOS DA 3ª RODADA

23/09 Dom

LOCAL

JOGOS DA 2ª RODADA

X Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE

Itajaí

20/09

Qui

ABAVI / FME / Balneário Camboriú X

Basquete Blumenau

Baln. Camboriú

22/09

Sáb Projeto Escola Basquete / FMD /Rio do Sul X

ADIEE / Avaí / FME

Rio do Sul

DATA

DIA

25/09

Ter

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

Florianópolis

27/09

Qui

C.B. Chapecó

X

ABASMO

Salesiano / ABI / FMEL

X

Basquete Jaraguá / SECEL

Itajaí

ABASMO

Joinville

C.B. Chapecó

Joinville

ADIEE / Avaí / FME

X

LOCAL

JOGOS DA 3ª RODADA

28/09

Sex

SATC / FME

X

ADIEE / Avaí / FME

Criciúma

27/09

Sáb

29/09

Sáb

SATC / FME

X

ABAVI / FME /Balneário Camboriú

Criciúma

29/09

Sáb Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE X

30/09 Dom Sociedade Ginástica de Joinville / SESPORTE X

29


INFRAESTRUTURA

Felipe Machado/Clube Doze/FCB

FCB PROMOVE REVITALIZAÇÕES POR TODO O ESTADO INVESTIMENTOS PERMITEM AMPLIAÇÃO DOS PARTICIPANTES E MELHORES CONDIÇÕES PARA A PRÁTICA ESPORTIVA

A

Federação Catarinense de Basketball continua investindo nos espaços para a prática da modalidade ao redor do estado. O fomento às equipes das mais variadas categorias requer locais adequados para o melhor desenvolvimento do basquete. Só nos últimos três anos, foram aportados mais de R$ 1 milhão em 20 espaços. Além disso, conforme reportagem publicada em outubro de 2016, na 3ª edição da revista BasqueteSC, o crescimento do esporte proporcionou a remodelação de antigas e tradicionais praças do desporto como os ginásios Abel Schulz, em Joinville, S.R.E. Ipiranga, em Blumenau, e da FUNDESMO, em São Miguel do Oeste.

30

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

Nos primeiros meses de 2018, a prática se espalhou por Santa Catarina onde a FCB investiu na doação de materiais (bolas, tabelas) e revitalizou ginásios na Grande Florianópolis, Norte, Oeste e Vale do Itajaí. “A cada ano, a Federação desenvolve tarefas para colaborar com os filiados que tenham suas praças adequadas para a prática do basquetebol. Hoje, quem faz a modalidade são times que não possuem sedes próprias e utilizam espaços públicos que muitas vezes não têm a manutenção necessária. Essa é uma pequena parte que a gente faz para continuar contribuindo com o basquete”, ressalta o presidente da entidade, Oscar Archer.


Henrique Almeida/UFSC/FCB

PARCERIA  Ginásio da UFSC serve para jovens praticarem o basquete

Divulgação/FCB

PAINÉIS  Com presença do prefeito, FCB entregou equipamentos a Piçarras

PIÇARRAS, PENHA E BALNEÁRIO CAMBORIÚ TRADIÇÃO  Centenário, Clube Doze de Agosto, na Capital, recebeu melhorias da FCB

Henrique Almeida/UFSC/FCB

FEMININO  Parceria com a UFSC contempla o esporte entre as mulheres

DE CARA NOVA

E

m abril, ocorreram as reinaugurações dos ginásios Vereador Santa, em Balneário Camboriú, e da Escola Rubens Souza, em Penha. Ambos receberam pintura de quadra e tabelas, adequando-se às exigências para a prática de alto rendimento. "Através do esporte, a gente consegue mudar a vida das pessoas. No momento em que a gente se dá conta disso, as coisas fluem naturalmente. Essa parceria deixou-nos um ginásio maravilhoso", reconheceu a professora da FME Balneário Camboriú, Alba Garcia, durante solenidade de entrega das obras. Outra cidade contemplada foi Piçarras ao receber painéis eletrônicos da FCB, ato reconhecido pelo prefeito municipal, Leonel Martins. "Essas parcerias são de grande importância, por isso eu quero expressar meu agradecimento à Federação Catarinense de Basketball, a toda a equipe que veio a Balneário Piçarras nos presentear com esse equipamento de grande importância e de excelência para que a gente possa melhorar ainda mais a qualidade do basquete da cidade", agradeceu o Alcaide.

31


INFRAESTRUTURA

Henrique Almeida/UFSC/FCB

PARCERIA COM A UFSC E ACADEMIA CATARINENSE DE BASQUETEBOL

E

m maio, aconteceu a doação de quatro tabelas de basquete para a Universidade Federal de Santa Catarina. Os equipamentos servem ao Ginásio 2 do campus de Florianópolis e foram instalados nas laterais da quadra principal, possibilitando atividades simultâneas no espaço que é destinado à prática do basquete. O investimento, segundo o presidente da FCB e ex-professor da UFSC, Oscar Archer, chegou próximo dos R$ 40 mil, numa parceria que vai além das quatro linhas. "Isso coloca uma condição idealizada pelos professores e o que é melhor: a Federação entra neste segmento. Logo estaremos subsidiando uma competição de basquete através de convênio com a Federação Catarinense de Desporto Universitário", celebrou o mandatário. O evento contou com a presença de professores, diretores acadêmicos e da vice-reitora da UFSC, Alacoque Erdmann, a qual destacou a criação de uma Secretaria de Esportes. "Ele nos é tão importante que na nossa gestão criamos uma Secretaria específica, pois queremos investir na formação universitária através dos esportes", frisou. Embora o foco principal tenha sido a doação dos equipamentos, outro assunto norteou as manifestações de treinadores, professores e dirigentes: a Academia Catarinense de Basquetebol. O projeto criado no início de 2018 é fruto da parceria entre Federação Catarinense de Basketball e o Núcleo de Pesquisa em Pedagogia do Esporte (NUPPE/UFSC) com objetivo de oferecer suporte de aprendizagem profissional, orientar a formação de jovens atletas e desenvolver o conhecimento. "Aqui na Universidade, em específico em nosso Centro de Desporto, marca-se uma nova era. É mais que um projeto, é um programa que vai abrir

32

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

portas para várias outras ações dentro desse modelo de gestão do basquete", projeta o diretor do Centro de Desportos/UFSC, Antônio Moro. Além disso, a FCB desenvolve um trabalho voltado ao basquete feminino focado especialmente como fator de saúde, lazer e abertura do mercado. Para o Diretor de Planejamento da entidade, Jairo Anello, o compromisso com o esporte é uma agenda positiva. "De 10 mil jogadoras, somente três chegarão ao altíssimo rendimento, mas elas precisam gostar, levar o basquete para a vida toda. Trata-se de uma prática corporal que, além de ser prazerosa, combate redes sociais virtuais, focando no contato presencial. É isso que a gente tem que mostrar neste trabalho com a UFSC de levar o basquete feminino para lá através de uma experiência", destaca. O sentimento da ampliação de horizontes por meio da prática esportiva também é corroborado pelo professor Kenyo Nunes, que ainda atua como treinador da ADIEE/Avaí na Capital. "Além dos treinos, estamos trabalhando as nossas meninas com os professores da UFSC. É um projeto que estamos acreditando com muito carinho e uma forma de profissionalizar técnicos, criando campo de trabalho aos acadêmicos da Universidade Federal", ressalta. A Academia Catarinense de Basquetebol é coordenada pelo professor Michel Milistetd, docente da UFSC de larga experiência acadêmica. No primeiro ano do projeto, 12 participantes fazem parte da Comunidade de Prática, provenientes de diferentes cidades do estado de Santa Catarina. Esses treinadores possuem experiências diversificadas e acumuladas em diversificados papéis, tais como: atleta, árbitro, treinador de categorias de base e de equipes profissionais.


Divulgação/FCB

MAIS DE 750 MIL REAIS INVESTIDOS Fotos: Divulgação/FCB

CLUBE DOZE DE AGOSTO / FLORIANÓPOLIS

GINÁSIO VEREADOR SANTA / BALNEÁRIO CAMBORIÚ

GINÁSIO NAZARENO CÂNDIDO / PALHOÇA

ASSINATURA  Em Xaxim, presidente Oscar Archer entregou revitalização do ginásio São Francisco de Assis

ESCOLA RUBENS SOUZA / PENHA (depois da reforma)

ENTIDADES DA GRANDE FLORIANÓPOLIS,

ESCOLA RUBENS SOUZA / PENHA (antes da reforma)

GINÁSIO SÃO FRANCISCO DE ASSIS / XAXIM

GINÁSIO E ESPAÇOS REVITALIZADOS `` Ginásio do CEM Vereador Santa - Balneário Camboriú - ABAVI/BC `` Ginásio Nazareno Cândido - FMEC de Palhoça `` Ginásio 2 do Centro de Desportos da UFSC `` Ginásio do Clube XII de Agosto `` Ginásio da Escola Básica Rubens João de Souza - Penha `` Revitalização do piso e telhado da Sociedade Ginástica de Joinville `` Revitalização do Ginásio SRE Ipiranga `` Tabelas para Arena Brusque - AD Brusque `` Revitalização da quadra da EEEB Osvaldo Cabral - São José `` Ginásio do CEFID UDESC `` Secretaria de Esportes de Nova Trento/ SR Humaitá `` Ginásio São Francisco de Assis - Clube de Basquete Xaxim `` Ginásio Municipal de Videira - AVIBA `` Mini quadra do Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico `` Revitalização da sede da AFESC - Associação das Federações Esportivas `` Ginásio da Polícia Militar de Chapecó - CB Chapecó `` Ginásio do CEM Antônio Francisco Machado - CD Independente

JOINVILLE E OESTE TAMBÉM RECEBEM RECURSOS

O

Clube Doze de Agosto, um dos mais tradicionais da Capital, recebeu duas tabelas de basquete e placar eletrônico no mês de abril. Os equipamentos ficam à disposição do ginásio na sede do bairro Coqueiros. Ainda na Grande Florianópolis, o ginásio Nazareno Cândido, em Palhoça, foi contemplado, bem como o do CEFID (Centro de Educação Física, Fisioterapia e Ciências da Saúde da UDESC) onde houve a entrega de aros e equipamentos. Além disso, a entidade promoveu a revitalização da quadra do ginásio São Francisco de Assis, em Xaxim. Já em Joinville, o ginásio da Sociedade Ginástica, desde junho, recebe cobertura e piso novos. Ao final das obras, o espaço estará apto para competições de nível nacional, proporcionando maior intercâmbio às atletas locais que atualmente disputam campeonatos femininos nas categorias de base e adulto.

33


 SOCIAL Lucas Inácio/FCB

MUDANÇA NO ESTATUTO PERMITE A CRIAÇÃO DO FCB SOCIAL

ESTATUTO FCB: Item “q” do Artigo 4º no Capítulo I: “Promover atividades direcionadas à conscientização e valorização da vida humana, incentivando a prática desportiva através de programas sociais”. Nasce, assim, o FCB Social.

OBJETIVO É AMPLIAR ATUAÇÃO COM A ASSISTÊNCIA REGULAR

E

m Assembleia Geral Extraordinária, a Federação Catarinense de Basketball aprovou alteração em seu Estatuto para se adequar legalmente como entidade filantrópica, colocando a prática como uma de suas atividades fim. Desta forma, segundo o documento: “o FCB Social poderá promover atividade assistencial aos usuários de serviços socioassistenciais inscritos no Conselho Municipal de Assistência Social”. Como primeiro passo, a Federação, que desde 2016 promove doações a entidades filantrópicas e desenvolve projetos como os Núcleos Estudantis, firma parceria com a Assistência Social de Florianópolis através da presença da profissional da área, Valquíria Cananea. “É muito importante essa série de

34

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

parcerias com a FCB e seus filiados para poder colocar em prática projetos sociais que estão parados por falta de recursos. As necessidades são em todas as áreas. Com isso, poderemos complementar o trabalho social com famílias, fortalecer a rede de proteção social, favorecer o desenvolvimento de atividades que promovam vivências”, destaca a assistente social. Já o presidente Oscar Acher ressalta a importância do projeto e a responsabilidade em galgar novos caminhos para a entidade desportiva. “O que vem pela frente com essa mudança é uma responsabilidade muito grande. O FCB Social é um sonho nosso de longa data e agora é função de todos nós realizarmos e mantermos essa iniciativa”, declara.


Adriano Krischke/FCB

AÇÃO SOCIAL DO DIA DAS MÃES CONTEMPLA 12 INSTITUIÇÕES BENEFICENTES FCB E TRIMANIA DOARAM R$ 110 MIL A BENFEITORES

M

aio é o mês das mães, das noivas e também da solidariedade. Assumindo esta missão, a Federação Catarinense de Basketball realizou encontro com representantes e frequentadores de entidades da Grande Florianópolis, Serra e Sul que atendem idosos, crianças, pessoas com câncer, portadores de deficiência e até animais de estimação. Em conjunto com a TRIMANIA, foram doados R$ 110 mil a 12 instituições beneficentes num gesto denominado "Ação Social Dia das Mães". Deste montante, R$ 10 mil serviram às organizações que atendem pessoas e R$ 5 mil às que lidam com os pets. "As ações sociais da Federação e TRIMANIA sempre buscam levar recur-

sos para os menos abonados, promovendo a inclusão. Esse é nosso dever e isso é olhar com carinho para aqueles que mais precisam”, falou o presidente da FCB, Oscar Archer, durante a cerimônia na Capital no início de maio. Em alusão à data, 12 mães participaram do evento representando cada uma das entidades agraciadas. Além delas, houve a presença de 100 pessoas entre convidados, pacientes, pessoas atendidas pelas instituições e autoridades, como a Diretora do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) de Florianópolis, Vera Pinheiro. "Queria agradecer a todos vocês e dizer para as mães: parabéns e que Deus abençoe vocês", reconheceu, valorizando o engajamento da FCB e TRIMANIA no âmbito social.

35


 SOCIAL Adriano Krischke/FCB

OUTRAS ENTIDADES BENEFICIADAS

S

ó nos últimos meses, foram beneficiadas diretamente um total de 24 entidades, sendo 12 – com R$ 10 mil a cada – na cerimônia de encerramento das atividades de 2017. Como na solenidade de maio, naquela ocasião as selecionadas faziam parte da área de abrangência da TRIMANIA: Grande Florianópolis, Serra e Sul de Santa Catarina. Tamanho envolvimento deve-se a um dos três pilares fundamentais da Federação Catarinense de Basketball. Segundo o Diretor de Planejamento da entidade, Jairo Anello, são eles: FCB Rendimento, FCB Educação e FCB Social. "A gente tem trabalhado em três conceitos na Federação: rendimento, a vocação natural da FCB que faz parte do sistema nacional de desporto; educação, através do projeto junto à UFSC chamado Academia Catarinense de Basquetebol, que faz parte do Núcleo de Pedagogia do Esporte, campo de pesquisa envolvendo as categorias sub-12,13,15 e Núcleos para pesquisa em aprendizagem do esporte; além do FCB social com eventos sociais em que a Federação entende fazer parte das suas ações como uma contribuição do basquete para a sociedade", explica.

ENTIDADES CONTEMPLADAS `` Centro de Apoio ao Paciente com Câncer

(Florianópolis) `` Organização do Bem-Animal (Florianópolis) `` Lar Nossa Sra. do Carmo (Florianópolis) `` ACAM (Florianópolis) `` Associação Amigo Down (São José) `` Casa de Acolhimento A.M.A.R. (São José) `` Amigos e Protetores dos Animais de

Palhoça – APRAP (Palhoça) `` Projeto DORCAS (Palhoça) `` Lar do Seu Doca (Biguaçu) `` Lar do Menino Deus (Lages) `` Ass. De Atendimento à Criança e ao

Adolescente – COMBEMTU (Tubarão) `` Casa Guido (Criciúma)

36

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

PARA TODOS  Ação social abrangeu crianças, jovens, idosos e até animais

Muito

Obrigado! Assim como a Federação Catarinense de Basketall se sentiu honrada em poder ajudar quem tanto faz por pessoas e animais carentes, os representantes das instituições também reconheceram o gesto da entidade. A mensagem, ao final, é mútua: Muito Obrigado!

São 27 anos de existência da Associação Amigo Down. Uma vez por mês atendemos no mutirão de saúde. Dentro da nossa realidade, poder estar participando deste dia junto da Federação Catarinense de Basketball e TRIMANIA é muito emocionante. Ser lembrado pelo trabalho que essa instituição realiza, que vem de tanto tempo, de tantas mães trabalhando arduamente, é recompensador e revigorante VIVIAN BEUTTEMMÜLLER - PRES. ASSOC. AMIGO DOWN/SÃO JOSÉ


outros agradecimentos Estamos muito satisfeitos e felizes com essa contribuição SILVANA ZARDO FRANCISCO - PRESIDENTE ASSOCIAÇÃO COMBEMTU/TUBARÃO

Foi uma surpresa para nós porque quando alguém liga dizendo que tem R$ 10 mil para doar, não tem como acreditar OSVALDO JOSÉ DA SILVA - PRESIDENTE LAR DO SEU DOCA/BIGUAÇU

Hoje somos só agradecimentos. Somos muito gratos à FCB e ao projeto TRIMANIA OTÍLIO MIRANDA PEREIRA PRESIDENTE CASA GUIDO/ CRICIÚMA

Cuidamos de um contingente de 100 animais sem auxílio nenhum. Essa ajuda vai ser de grande importância ROSEMARY MARQUES - PRESIDENTE APRAP/PALHOÇA

A gente tem amigos do bem como a Federação Catarinense de Basketball que está chegando num momento de dificuldade. Chorar de alegria faz muito bem CINTIA AMARAL - PRESIDENTE PROJETO DORCAS/PALHOÇA

Abre-se um sorriso, uma oportunidade e esse cheque foi muito bem-vindo JOSÉ DA LUZ MATOS - VICE-PRESIDENTE CAPC/FLORIANÓPOLIS

Adriano Krischke/FCB

Todos os dias, temos que matar um leão, pois não contamos com ajuda dos órgãos públicos há três anos. É uma casa que atende pessoas simples, então ela vive de doações e o valor das aposentadorias são insuficientes. Esse recurso veio em um momento crucial e foi uma surpresa muito boa para nós. Não tínhamos envolvimento com o basquete, mas agora vai ser um laço que vai durar para sempre, por isso só temos a agradecer a FCB e a TRIMANIA por terem nos recebido com tanto carinho IRENE MONDADORI GARGIONI - PRESIDENTE DO LAR MENINO DEUS/LAGES

CARINHO  FCB atendeu 24 instituições de caridade desde o ano passado

37


 EDUCAÇÃO Lucas Inácio/FCB

NÚCLEOS ESTUDANTIS INICIAM ATIVIDADES EM 2018 38

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


NÚCLEOS ESTUDANTIS TRIMANIA/FCB SEGUEM ATÉ OUTUBRO COM 900 CRIANÇAS

A

bril ficou marcado pelo começo das atividades dos Núcleos Estudantis TRIMANIA/FCB. A temporada atual traz o incremento no número de escolas e jovens atendidos, salto de 50% em relação ao último ano. Em 2018, são 15 entidades escolhidas na Grande Florianópolis, Sul e Serra catarinense, totalizando 900 alunos praticando o basquete e demais atividades. A solenidade de abertura dos trabalhos da atual temporada aconteceu no ginásio Nazareno Cândido, no bairro Ponte do Imaruim, em Palhoça, com a presença dos coordenadores das unidades, dirigentes e autoridades. Na ocasião, cada integrante do projeto recebeu 24 coletes (12 de cada cor) e dez bolas Penalty oficiais (quatro no tamanho 7’5 e seis no 5’7). Lançados há três anos, os Núcleos Estudantis TRIMANIA/ FCB são classificados como “Menina dos olhos” pelo presidente da Federação Catarinense de Basketball, Oscar Archer, mas é o Diretor de Planejamento da entidade, Jairo Anello, quem detalha o caráter educativo da iniciativa. “Onde a gente percebe que há crianças em grande número? Nas escolas. Só neste ano chegamos a 15 Núcleos os quais, além de JAIRO ANELLO, prestarem um trabalho do esporte DIRETOR DE pela educação, levam o esporte PLANEJAMENTO para essas crianças. Através do DA FCB projeto, mostramos uma prática corporal de grande valia para a vida, ou seja, as atividades não são somente para aprender a jogar basquete”, salienta. No trabalho desenvolvido, há momentos de confraternização e troca de experiências como os festivais locais (um em cada semestre para os 15 projetos), além do Festival Final abrangendo todas as regiões, realizado em outubro, fechando o ano do projeto. A parceria ainda destina materiais de treino, bolas e camisetas. Também contribui financeiramente com R$ 1 mil por mês para cada Núcleo. Para o gerente comercial da TRIMANIA, Leonardo Schlickmann, é importante destacar o cunho social do projeto. “Para nós, é um prazer continuar realizando essas ações

Através do projeto, mostramos uma prática corporal de grande valia para a vida...

39


 EDUCAÇÃO Divulgação/FCB

Divulgação/FCB

MULTIDISCIPLINAR  Projeto envolve atividades esportivas, de lazer e ainda a distribuição de lanches

40

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


sociais, ajudando todas essas famílias e mudando a vida de cada criança em horários que eles estariam desocupadas, mas estão praticando o esporte”, sinaliza. Já o presidente da Federação Catarinense de Basketball, Oscar Archer, cita a mescla entre os cunhos esportivo, social e educativo. “Há quem diga que é inclusão social, mas eu prefiro dizer que é inclusão de vida, pois são núcleos estudantis. Eles têm que estudar para jogar, dessa forma estamos promovendo oportunidades a todos”, conclui.

NÚCLEOS ESTUDANTIS FLORIANÓPOLIS - 5 NÚCLEOS `` EMEB José do Valle Pereira (Bairro João Paulo) `` EBM Herondina Medeiros Zeferino (Bairro

Ingleses) `` Colégio de Aplicação da UFSC (Bairro Trindade) `` EBM Brigadeiro Eduardo Gomes (Bairro Campeche) `` Instituto Estadual de Educação (Bairro Centro)

PALHOÇA - 2 NÚCLEOS `` EEB Professora Nicolina Tancredo (Bairro

Alto Aririú) `` Ginásio de Esportes Nazareno Cândido (Bairro

Ponte do Imaruim) LAGES - 2 NÚCLEOS `` EMEB Ondina Neves Bleyer (Bairro Sagrado

Coração de Jesus) `` Liga Serrana de Basketball - Ginásio Ivo Silveira

(Bairro Várzea) Divulgação/FCB

CRICIÚMA - 2 NÚCLEOS `` Colégio Estadual Humberto de Campos - SATC

(Bairro Pio Corrêa) `` Criciúma Basquete Clube - EEEF Prof Lapagesse

(Bairro Centro) SÃO JOSÉ - 1 NÚCLEO `` EBM Osvaldo Rodrigues Cabral (Bairro Bela Vista)

ANTÔNIO CARLOS - 1 NÚCLEO `` EM Dom Afonso Niehues (Bairro Centro)

ARARANGUÁ - 1 NÚCLEO `` Ginásio Municipal Bolha (Bairro Alto Feliz)

TUBARÃO - 1 NÚCLEO `` EEB João Teixeira Nunes (Bairro Morrotes)

41


 LIGAS REGIONAIS Lucas Inácio/FCB

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS POR SETE LIGAS REGIONAIS LEVAM O ESPORTE A CADA CANTO DE SC 42

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

Auxiliares no trabalho de ampliar o número de praticantes do basquetebol, as Ligas Regionais são fomentadas pela FCB. Ao redor do estado, sete têm essa missão. Elas promovem torneios, clínicas, atividades ao ar livre e, desde 2018, realizam etapas dos estaduais sub-12, 13 e 15, categorias contempladas pelo projeto Basquete para o Amanhã.


LIGA VALE EUROPEU BASQUETEBOL CRIADA EM BLUMENAU

A

7ª Liga Regional a integrar o quadro da Federação Catarinense de Basketball foi oficializada no final de março quando dirigentes de clubes, representantes de prefeituras de Blumenau, Brusque e Nova Trento e mais 30 participantes acompanharam a fundação da Liga Vale Europeu Basquetebol (LIVEBA) na cidade de Blumenau. A nova entidade abrange a região de Indaial e Timbó até o Vale do Rio Tijucas. Dessa forma, os clubes que estavam filiados à Liga de Basketball do Vale do Itajaí (LIBAVI) migraram para a LIVEBA. A diretoria é formada pelo presidente Álvaro Luiz da Silva e pelo vice-presidente Luiz Eduardo Bortolini. Ambos, com seus apoiadores, terão a missão de desenvolver ainda mais o basquete na região, a qual já conta com representantes de peso. A tarefa ainda envolve auxílio à FCB na organização de competições regionais que, em contrapartida, disponibiliza eventos de capacitação e recursos financeiros. “É um local que tem muito basquete, as cidades gostam da modalidade, já vêm investindo nisso e esse grupo poderá desempenhar um bom papel onde poderemos atender melhor nosso basquete, principalmente na base. É mais um passo importante para nós”, destacou o presidente da FCB, Oscar Archer. O próximo passo é criar a 8ª Liga, dessa vez abrangendo os times do Meio-Oeste. Atualmente, os representantes da região estão filiados à Liga Oeste.

LIGAS REGIONAIS

Lucas Inácio/FCB

FCB - SANTA CATARINA LIGA NORTE DE BASKETBALL (LNB) LIGA OESTE CATARINENSE DE BASKETBALL (LOCAB)

LIGA VALE EUROPEU BASQUETEBOL (LIVEBA) LIGA DE BASKETBALL DO VALE DO ITAJAÍ (LIBAVI) LIGA SERRANA DE BASQUETE (LSB)

LIGA METROPOLITANA DE BASKETBALL (LMB)

LIGA SUL CATARINENSE DE BASKETBALL (LSCB)

ATIVIDADES  Ligas desenvolveram cursos de arbitragem

43


 LIGAS REGIONAIS Lucas Inácio/FCB

CURSO DE INICIAÇÃO À ARBITRAGEM TEM RECORDE DE INSCRITOS EM FLORIANÓPOLIS

E

m abril, A Federação Catarinense de Basketball e a Liga Metropolitana abriram a temporada dos Cursos de Iniciação à Arbitragem. Logo de cara, o número de participantes superou as expectativas atingindo mais de 70 inscritos, sendo incorporados ao quadro da LMB cerca de 50 alunos entre árbitros e oficiais de mesa. Além disso, são disponibilizados alguns horários na UFSC para que possam colocar em prática o conhecimento adquirido no Curso. “A preocupação da Liga Metropolitana de Basketball é com a formação continuada dos oficiais de arbitragem. São dois dias por semana, no período noturno, em que eles podem aprender e buscar o aperfeiçoamento”, destacou o árbitro nacional e coordenador do Curso na Grande Florianópolis, Hélio Augusto Santos.

CAPACITAÇÃO  FCB e Ligas continuam processo de aperfeiçoamento de árbitros

DEMAIS REGIÕES CONTEMPLADAS ENTRE MAIO E JULHO

A

ntes do início do estadual adulto, as demais regiões receberam os Cursos de Iniciação à Arbitragem. A promoção foi das Ligas Sul, Serrana, Vale do Itajaí, Norte e Oeste abrangendo cerca de 100 aspirantes nas cidades de Criciúma, Lages, Itajaí, Joinville e Chapecó. Em cada local, os alunos tiveram aulas teóricas sobre as atividades de oficiais de mesa, de árbitros e mecânicas da arbitragem com um jogo demonstrativo entre equipes locais. “É um investimento que a gente faz para promover essa clínica. Tivemos bastante perguntas, atletas e ex-atletas interessados, pessoas que não querem sair do basquete e encontraram na arbitragem uma forma de continuar. Tenho certeza que esse curso renderá bons frutos”, avaliou a presidente da Liga Norte de Basketball, Dóris Moraes Castro. As aulas foram ministradas por professores

44

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL

experientes e gabaritados como o árbitro internacional Eduardo Albano e o representante da arbitragem, José Carlos Conte, o popular Tacho. “Se hoje nós temos os melhores profissionais da arbitragem do Brasil, isso deve-se ao trabalho que é realizado aqui, com investimento e oportunidade para que os profissionais possam crescer e tudo isso começa aqui. Eu fico muito orgulhoso em dizer que vários desses profissionais começaram conosco, assim em sala de aula, porque significa que nosso trabalho foi bem realizado”, falou Tacho, que há 50 anos trabalha com arbitragem de basquete e há cerca de três décadas realiza cursos de formação. Os Cursos de Iniciação à Arbitragem são realizados a cada dois anos. Em 2018, as sete Ligas Regionais e consequentemente todas as regiões do estado foram contempladas.

Lucas Inácio/FCB


LIGAS RECEBEM EQUIPAMENTOS PARA FESTIVAIS EM RUAS, PRAÇAS E PRAIAS

N

em só dentro de ginásios e quadras se joga basquete em Santa Catarina. Prova disso, é que a Federação Catarinense de Basketball entregou, nos meses de abril e junho, equipamentos para as Ligas Regionais desenvolverem eventos ao ar livre dentro do Projeto Ruas, Praças e Praias. Cada entidade recebeu um par de tabelas 3x3, bolas, placares e armações de publicidade. Dessa forma, elas poderão escolher o tipo de evento a ser realizado, contribuindo para uma série de fatores como lazer, saúde, educação, entre outros. "Através do esporte, a gente pode também melhorar a saúde pública, então temos que promover esses tipos de atividades para as pessoas", disse a presidente da Liga de Basketball do Vale do Itajaí (LIBAVI), Veronica Roncelli. Da mesma forma, o presidente da Liga Sul Catarinense, Renan Custódio, enalteceu a possibilidade de expandir o basquete através de eventos ao ar livre. "Há muito mais pessoas participando dos eventos da Liga, muita gente nova querendo praticar a modalidade. Com VERONICA RONessa doação da FCB, vamos conseguir CELLI, PRESIDENTE levar isso para a rua, botar uma tabela, DA LIBAVI ter condições de fazer um festival, um evento numa praia, num parque, trazendo todas essas pessoas para incluir o basquete em suas vidas", avaliou. Já outros presidentes de Ligas Regionais destacaram a parceria com a Federação Catarinense de Basketball em prol do fomento do esporte em cada canto do estado, entre eles Benedito Moura. "Agradecemos a FCB e a TRIMANIA por estarmos recebendo este material do 3x3, pois nós em Lages temos um projeto muito grande nas ruas e praças como o Chuá e Núcleos Estudantis. As crianças e a comunidade serão bem representadas, terão saúde e também sairão da ociosidade", salientou o dirigente da Liga Serrana. A entrega dos materiais possibilita que os eventos ao ar livre sejam realizados de forma mais eficiente, economizando custos de transporte e respeitando as características de cada localidade. Até o ano passado, era a FCB quem organizava os torneios em ruas, praças e praias. Agora, serão de responsabilidade das Ligas.

Através do esporte, a gente pode também melhorar a saúde pública...

CONTEMPLADOS  Cada Liga recebeu equipamentos para desenvolver o basquete de forma regional

45


 BASQUETE INSPIRA-SC Lucas Inácio/FCB

LANÇADO EM MAIO DE 2017, O PROJETO BASQUETE INSPIRA-SC É RESULTADO DE PARCERIA ENTRE A FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL E O GRUPO NSC

• Mais de 400 conteúdos produzidos • 105 mil visitantes únicos ao www. globoesporte.com/basquetesc

NÚMEROS COMPROVAM SUCESSO DO ESPORTE

SANTA CATARINA EM RELAÇÃO AOS OUTROS ESTADOS

• 29% mais interesse pelo basquete • 57% mais buscas pelo NBB *Dados até maio de 2018

46

REVISTA OFICIAL DA FEDERAÇÃO CATARINENSE DE BASKETBALL


Profile for FCB-Basket

Revista FCB - BasqueteSC 009  

BasqueteSC – 9ª Edição. A revista oficial da Federação Catarinense de Basketball. Nesta edição, apresentamos o campeonato das categorias adu...

Revista FCB - BasqueteSC 009  

BasqueteSC – 9ª Edição. A revista oficial da Federação Catarinense de Basketball. Nesta edição, apresentamos o campeonato das categorias adu...

Advertisement