Page 1


Título Original: True Story Library, N° 2 – Melanchthon por Julia McNair Wright Copyright© Editora Letras 1ª edição em português: maio de 2015 Todos os direitos reservados em língua portuguesa por: Editora Letras Rua Engenheiro Rebouças, 1078 – Sala 42 Centro – Foz do Iguaçu – PR CEP: 85851-190 www.editoraletras.com.br Tradução: Rodrigo Silva Revisão: Karina Silva Capa e Diagramação: EL Publicações LTDA W947f Wright, Julia McNair, 1840–1903 Felipe Melanchton / Julia McNair Wright ; tradução Rodrigo Silva. – Foz do Iguaçu, PR : Editora Letras, 2016. – (Coleção A história dos reformadores para crianças ; 6) 32p. : 18 cm

Tradução de: The true story library, nº 2 – Melanchthon ISBN 978-85-66209-53-2 1. Biografia. 2. Literatura Infantojuvenil. 3. Reforma Protestante. I. Título.

CDD: 920 CDU: 82-9


FELIPE MELANCHTON Se você for para a Alemanha, para a cidade de Wittenberg, e andar pelas ruas, olhando as casas, você encontrará uma casa de pedra muito antiga com esta inscrição esculpida sobre a porta: “Aqui Felipe Melanchton viveu, ensinou e morreu.” Quem foi este famoso Felipe? O que ele fez, e como ele morreu? Estas são algumas das perguntas que você pode estar se fazendo, e este pequeno livro deverá respondê-las. Primeiramente, é interessante saber que o sobrenome MELANCHTON significa “terra preta”. Felipe nasceu na cidade de Bretten, onde agora um belo e alto monumento


JULIA MCNAIR WRIGHT

está erguido em sua homenagem. Seus pais eram pessoas piedosas, gentis, educadas, e tinham dinheiro suficiente para viver confortavelmente e dar a Felipe uma boa educação. Eles começaram a ensinar-lhe logo que ele começou a falar, e ele aprendeu tão rápido que surpreendeu a todos. Ele tinha um tio que era um homem muito sábio, e que gostava de ensinar o jovem Felipe, pois ele gostava de aprender. A maioria dos jovens, hoje em dia, não vai para a faculdade antes dos dezessete anos de idade, mas nessa idade Felipe já havia terminado a faculdade. Tão profundo era o seu conhecimento que, quando tinha apenas vinte anos, os homens instruídos em todo o mundo já falavam sobre ele. Melanchton foi um grande amigo de Martinho Lutero, e os dois trabalharam juntos pela Reforma na Alemanha. Eu perguntei a uma brilhante menininha que tinha lido sobre Lutero e Melanchton o que ela pensava sobre eles. Ela me disse que pensava que “Lutero era como um 6


FELIPE MELANCHTON

irmão mais velho, gentil, honesto e corajoso; e que Melanchton era mais gentil, doce, verdadeiro e tímido”. Bem, a Reforma era como um bebê em seu berço, e precisava tanto do irmão mais ousado, quando do espírito mais ameno para cuidar dela. Bondade e ternura foram o traço principal do caráter de Felipe. Chamavam-lhe de “O Gentil Mestre Felipe”, “Felipe, o Modesto”, “Felipe, o Manso”. Lutero disse: “Eu sou duro, tempestuoso e guerreiro, nascido para lutar contra monstros e pecados e rasgar e arar o solo. Em seguida, vem o Mestre Felipe, mansa e delicadamente semeando e regando as sementes como uma branda chuva de primavera. Preciosos são os dons que o nosso Deus deu a ele”. Para Felipe, Lutero escreveu: “Eu sou fraco em assuntos pessoais, porque eu sou assim rápido e tempestuoso; mas onde eu sou fraco você é forte. Você pode lidar melhor com casas, e eu posso lutar nessas guerras”. 7


JULIA MCNAIR WRIGHT

Felipe era baixo e magro, seu rosto era pálido, seus olhos grandes e azuis. Ele parecia muito jovem e de traços finos, e mesmo quando estava ficando velho, parecia como um jovem. Seus amigos o admiravam e respeitavam, pessoas idosas se orgulhavam daquele sábio homem, e as crianças pequenas o amavam muito e corriam atrás dele nas ruas para agarrarem-se ao seu vestido ou à sua mão a fim de fazê-lo sorrir para elas e acariciar-lhes as suas cabeças. Elas nunca tinham medo de responder às suas perguntas, pois sabiam que ele amava os pequeninos. Felipe teve filhos, e estes lhe eram muito queridos. Pessoas que iam vê-lo, com frequência o encontravam sentado ao lado do berço, balançando-o com uma mão e segurando um livro com a outra. Como você acha que ele chamava o quarto das crianças? Ele o chamava de “A pequena igreja de Deus”! Espero que as crianças que lerem isto 8

A História dos Reformadores para Crianças - Vol. 6 - Felipe Melanchton - Editora Letras  

A coleção “A História dos Reformadores para Crianças” nos traz um pouco da vida de pessoas que fizeram parte da Reforma Protestante. Narrada...

A História dos Reformadores para Crianças - Vol. 6 - Felipe Melanchton - Editora Letras  

A coleção “A História dos Reformadores para Crianças” nos traz um pouco da vida de pessoas que fizeram parte da Reforma Protestante. Narrada...

Advertisement