Page 1

#28

AGOSTO | AUGUST

A NATUREZA DESLUMBRANTE DE BONITO DAZZLING NATURE IN BONITO

VINHOS E MESA FARTA NA SERRA GAÚCHA WINES AND BOUNTIFUL TABLES IN SERRA GAÚCHA

GRUPO CORPO FESTEJA SEUS 40 ANOS GRUPO CORPO CELEBRATES 40TH ANNIVERSARY

adriana

esteves

NA RETA FINAL DE MAIS UMA NOVELA DA GLOBO, A ATRIZ ENTRA EM CARTAZ NESTE MÊS NO FILME REAL BELEZA, EM QUE CONTRACENA COM O MARIDO, VLADIMIR BRICHTA IN THE FINAL STRETCH OF ANOTHER TELENOVELA ON TV GLOBO, THE ACTRESS RETURNS TO FILM THIS MONTH IN REAL BELEZA, IN WHICH SHE CO-STARS WITH HER HUSBAND, VLADIMIR BRICHTA

PO RTUGUÊ S - E NGL ISH


Sumário

AZUL MAGAZINE #28 AG O STO | AU G U ST 2 015

Summary

122

DESTINOS

86

Bonito

Cachoeiras, cavernas e outras belezas naturais Waterfalls, caves and other natural beauties

98

Serra Gaúcha

Os vinhos e o legado italiano da região The region’s wines and Italian heritage

108 Brotas

Aventura para todos os tipos de turistas Adventure for all types of tourists

115

São Miguel dos Milagres O ator André Bankoff sugere atrações da cidade Actor André Bankoff suggests city attractions

EM FOCO

98 108 86 010 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

122

Adriana Esteves

134

Rodrigo Ferraz

142

Enjoei

A brilhante trajetória da atriz, na TV e no cinema The actress’s brilliant career in TV and film O empresário por trás do Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes The entrepreneur behind the Tiradentes Food Festival Um brechó online com clientela cativa An online thrift store with a captive clientele

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K


DeBRITO

2015

MA

C

15 a18 de

SOA PES

ÃO

RO

LI

T OE -P

A

NALDO C

H UN

A A ENFERMAGEM, M A M VAI JOÃO P QUE ESSO A-P B

-

setembro A

CENTRO D E

ENÇÕES DE JO NV O

TEMA: DESAFIOS EMERGENTES PARA A ENFERMAGEM BRASILEIRA EIXOS TEMÁTICOS: • Gestão, tecnologias e cuidado • Ética, legislação e trabalho • Educação, política e vulnerabilidade social

PROGRAMAÇÃO SOCIAL 3 noites de shows com bandas de destaque nacional

Informações e inscrições www.cbcenf.com.br Realização: Conselhos de Enfermagem

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA • Conferências • Palestras • Comunicações coordenadas • Pôsteres • Mesas redondas • Cursos


Sumário

Summary

32 44

14 Editorial Editorial 16 Expediente Staff 18 Colaboradores Contributors 4 CANTOS

26 28 32 36 40 44 48 52

48

Agenda Agenda Cinema Film Dance Dance TV TV Literatura Literature Teatro Theater Música Music Exposição Exhibit HIGHLIGHTS

60

68 66 012 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

70

60 64 66 68 70 72 74

Gastronomia Cuisine O Quarto The Bedroom 5 Perguntas 5 Questions Take 5 Take 5 Vitrine Shop Window Olhar Azul Azul Look Colunas Columns

Mário Magalhães Mara Salles Denise Campos de Toledo

AZUIS

146 Novidades News 148 Nas Alturas Up and Away 151 Frota Azul Azul Fleet 154 Linhas de Ônibus Bus Lines 156 Experiência Azul Azul Experience 159 Mapa de Rotas Route Map 162 Panorâmica Panorama


Editorial

Editorial

Azul e United juntas Azul and United together

Celebramos em junho uma grande parceria, que trará aos nossos Clientes uma série de benefícios: a Azul e a United Airlines oferecerão juntas ligações para 450 destinos ao redor do mundo em mais de seis mil voos diários. As empresas assinaram um acordo estratégico em que a companhia norte-americana investiu US$100 milhões em 5% da Azul. Com isso, as operações de ambas serão compartilhadas, sobretudo nas rotas entre o Brasil e os Estados Unidos. A parceria facilitará o acesso dos brasileiros às mais diversas localidades norte-americanas e a outros países servidos pela United, que é uma das maiores empresas aéreas da atualidade. Ligaremos, por exemplo, Belo Horizonte a Chicago e Porto Alegre a Las Vegas. Já os Clientes da United com origem nos Estados Unidos e na Ásia poderão chegar aos mais variados destinos turísticos nacionais, como Fernando de Noronha e Bonito. Além disso, eles terão acesso a qualquer estado brasileiro por meio da malha de voos da Azul – a maior e mais abrangente do País. Os programas de fidelidade TudoAzul e MileagePlus também terão seus benefícios ampliados. O acúmulo e o resgate de pontos serão bilaterais. Ou seja, os Clientes poderão juntar pontos para o TudoAzul voando de United, assim como Clientes MileagePlus poderão somar pontos ao viajar de Azul. Todas essas facilidades estarão disponíveis em breve. Confira mais novidades e detalhes sobre a parceria em nosso site e nos canais de atendimento da Azul. Agradeço a escolha de voar conosco. Boa leitura e um excelente voo!

Dear reader, In June, we celebrated a major new partnership that will bring our Customers a host of benefits: Azul and United Airlines together will offer connections to 450 destinations around the world, on more than six thousand flights daily. The companies have signed a strategic agreement whereby United invested US$100 million for 5% of Azul. With this new deal, the operations of both airlines will be shared, especially on routes between Brazil and the United States. The partnership will facilitate Brazilians’ access to various locations in the U.S. and other countries served by United, one of the world’s largest airlines. For example, we’ll connect Belo Horizonte to Chicago, and Porto Alegre to Las Vegas. By the same token, United Customers originating in the US and Asia can reach a wide range of tourist destinations in Brazil, such as Fernando de Noronha and Bonito. In addition, they will have access to any state in the country through Azul’s network of flights – the largest and most comprehensive in Brazil. The TudoAzul and MileagePlus rewards programs also have their benefits expanded. Accumulation and redemption of points are bilateral, i.e., Customers can accumulate points on TudoAzul by flying United, and MileagePlus customers can earn points when flying Azul. All these facilities will be available shortly. Check out more news and details about the partnership on our site and on the Azul Customer service channels. Thank you for choosing to fly with us. Enjoy reading and have a great flight!

Antonoaldo Neves PRESIDEN TE P RE S IDE NT

014 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

RETRATO: DIVULGAÇÃO

Caro leitor,


Staff MARKETING

COMUNICAÇÃO E MARCA Diretor de Comunicação e Marca Gerente de Comunicação Coordenador de Comunicação Diretor de Arte Gerente de Produto

Gianfranco Beting Carolina Constantino Nemo Sampaio Renata Florenzano

facebook.com/AzulLinhasAereas

twitter.com/azulinhasaereas

DIRETORIA Diretor Executivo

Bruna Tiussu

Marina Azaredo

Gerente Comercial

Editor de Arte

André Graciotti

Executivas de Contas

Estagiárias

marina.azaredo@azulmagazine.com.br

Revisão Tradução e Revisão do Inglês

marcelo.trevenzolli@azulmagazine.com.br

Ana Paula Matozo Sandra Torre

sandra.torre@azulmagazine.com.br

Luiza Vieira

luiza.vieira@azulmagazine.com.br

Simone Montenegro

simone@azulmagazine.com.br

Thais Lutti

thais.lutti@azulmagazine.com.br

Assistente Comercial

Camila Nardi

camila.nardi@azulmagazine.com.br

Representantes de Vendas FTPI

sofia.franco@azulmagazine.com.br

Produção Gráfica

Marcelo Trevenzolli

ana.matozo@azulmagazine.com.br

andre.graciotti@azulmagazine.com.br

Sofia Franco Tratamento de Imagens e Pré-impressão

Rodrigo Ferrari

rodrigo@azulmagazine.com.br

PUBLICIDADE

bruna.tiussu@azulmagazine.com.br

Editora-assistente

Produtora Executiva

Rafaela Cambiaghi Garcia

Analista de Marketing

EDITORIAL Diretor de Redação Luciano Ribeiro

Repórter

Francisco Almeida

Coordenador de Marketing

Fabio Abud

voeazul.com.br

Editora

Dilson Gonçalves

Gerente de Marketing

Paula Rezende

paula@azulmagazine.com.br | 11 3254 9895

Andrea Medrado (RJ)

andreamedrado.rio@ftpi.com.br | 21 3852 1588

Cristine Prataviera (PR)

cristiane.curitiba@ftpi.com.br | 41 3026 4100

Claudia Fidelis Everaldo Guimarães

Luciana Mir (DF)

lucianamir.brasilia@ftpi.com.br | 61 3035 3750

WSG

Ronaldo Spagnuolo (MG)

Paulo Vinicio de Brito

Loren Rodrigues (PE)

Business Translation Services

Yuri Laurentino (PE)

ronaldo.minas@ftpi.com.br | 31 2105 3609 loren.nordeste@ftpi.com.br | 81 2128 4350 yuri.nordeste@ftpi.com.br | 81 2128 4350

Representante de Vendas EUA

COLABORADORES Texto: Manuella Menezes, Marco Bezzi, Paulo Vieira, Vanessa Lins Foto: Alexandre Rezende, Anna Carolina Negri, Camilla Maia, Fernando Young, Gui Gomes, Haroldo Saboia, Julia Rodrigues, Leo Eloy, Paulo Pampolin, Roberto Seba, Tom Alves Ilustração: Mauricio Pierro

Marcela Miranda (Flórida)

marcela.miranda@azulmagazine.com.br | 1 407 701 0738

PROJETO GRÁFICO André Graciotti MARKETING

Leia também no tablet. O app da Azul Magazine está disponível para os sistemas iOS e Android

Gerente de Marketing

Géssica Romanini

gessica@azulmagazine.com.br

DISTRIBUIÇÃO Supervisor de Distribuição/Circulação

Carlos Melo

carlos.melo@azulmagazine.com.br

FINANCEIRO/ADMINISTRATIVO valquiria.gomes@azulmagazine.com.br

Gerente Administrativa e Financeira

thuany@azulmagazine.com.br

Assistente Financeira

Foto da capa Fernando Young

Valquiria Gomes Vilela

Diretora Administrativa e Financeira

Thuany Pereira

IMPRESSÃO CTP, Impressão e Acabamento Tiragem

LOG & PRINT Gráfica e Logística S.A. 90.000 exemplares

Editora Ferrari LTDA. CNPJ – 11.052.806/0001-40 Endereço – Av. Paulista, 2200, 23º andar Consolação. CEP 01310-300 11 3254 9950

Bruna Veiga

bruna.veiga@azulmagazine.com.br

Azul Magazine não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos assinados. As pessoas que não constam do expediente da revista não têm autorização para falar em nome de Azul Magazine ou retirar qualquer tipo de material para produção de editorial caso não tenham em seu poder uma carta atualizada e datada, em papel timbrado, assinada por pessoa que conste do expediente.

A Azul Magazine é uma publicação mensal da Editora Ferrari LTDA. com conteúdo desenvolvido pela Azul Magazine, uma parceria entre as empresas Azul Linhas Aéreas e Editora Ferrari 016 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


A nobreza em suas mãos Uma homenagem às rainhas mais importantes da história, símbolos de força, elegância e atitude.

Coleção

Rainhas Fórmulas livres de ingredientes que podem causar alergia e ressecamento das unhas.

www.granado.com.br

Antonieta

Elizabeth

Carlota

Beatrix

Catarina

Victoria


Colaboradores

Contributors Marco Bezzi

Vanessa Lins J O R N A L I STA / J O URNALIST

JORN AL ISTA / JOURN AL IST

Especializado em cultura pop, já passou pela Rede Record, pela editora Abril e pelo jornal O Estado de S.Paulo. Pai de Teodoro, busca diariamente o equilíbrio entre a família, o trabalho e a diversão. Para este número escreveu sobre o Festival de Cinema de Gramado e o Cena Contemporânea.

Editora do suplemento gastronômico do jornal Folha de Pernambuco, quer ficar velhinha vasculhando as cozinhas alheias e escrevendo sobre seus sabores. Aqui, assina a reportagem sobre o restaurante Oficina do Sabor, em Olinda.

Publisher of the culinary supplement of the newspaper Folha de Pernambuco, she wants to grow old tasting other people’s cooking and writing about the flavors she encounters.Here, she wrote the article on Oficina do Sabor restaurant, in Olinda.

Specializing in pop culture, he has logged experience at Rede Record, editor Abril, and newspaper O Estado de S.Paulo. As a father, he seeks a balance between family, work and fun. For this edition, he wrote about the Gramado Film Festival and the Cena Contemporânea theater festival.

C

M

Y

CM

MY

Fernando Young F OT Ó G R A FO / P H OTO G R A P H ER

He navigates between the languages of cinematography and the contrast of light to compose his works. He’s already photographed artists such as Fernanda Montenegro and Caetano Veloso. He shot the pictures of Adriana Esteves, who graces the cover of this month’s edition.

F OTÓGRAF O / PHOTOGRAPHE R

CMY

O mineiro passa mais tempo viajando do que em casa. Conhece Deus e o mundo – ou quase isso – por causa das matérias que faz para revistas como National Geographic e Go Outside e dos cursos de fotografia outdoor que leciona. Suas imagens ilustram a reportagem sobre Bonito.

Haroldo Saboia

Manuella Menezes

FOTÓ G R AFO / P HOTO G RAPHER

JORN AL ISTA / JOURN AL IST

Freelancer e artista visual, participa regularmente de exposições e residências artísticas. Atualmente toca o projeto Bestiário, que mistura imagens, vídeos e um pouco da literatura do Ceará. Colabora nesta Azul Magazine com os cliques do brechó online Enjoei.

A freelance photographer and visual artist, he regularly participates in exhibitions and artist residencies. Currently, he is spearheading the “Bestiário” project, which mixes images, videos and a bit of literature from Ceará. For this edition of Azul Magazine, he contributed photos of the online second-hand store, Enjoei.

018 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

CY

K

The Minas Gerais native spends more time on the road than at home. He’s met all and sundry – or nearly so – through the pictures he’s taken for magazines like National Geographic and Go Outside, as well as teaching outdoor photography courses. His images illustrate the article about Bonito.

Colabora em publicações como Estilo, Boa Forma e Men’s Health e, nas horas livres, divide-se entre os exercícios físicos e as atividades para aliviar a mente, como um dia de praia com os amigos. Para esta edição entrevistou a atriz Adriana Esteves, nossa personagem de capa.

Contributes to publications such as Estilo, Boa Forma and Men’s Health. In her spare time, she divides between exercises and activities to relieve the mind, like a day at the beach with friends. For this edition, she interviewed actress Adriana Esteves, our cover story.

FOTOS: ARQUIVO PESSOAL

Navega entre as linguagens da cinematografia e do contraste da luz para compor seus trabalhos. Já clicou artistas como Fernanda Montenegro e Caetano Veloso. São dele os retratos de Adriana Esteves, que estampa a capa desta edição.

Tom Alves


CONFIAR NA NOSSA CAPACIDADE DE REALIZAÇÃO. PLANEJAR O FUTURO. SEGUIR EM FRENTE. —


Conheça o nosso Plano de Negócios e Gestão em petrobras.com.br/png

Continuamos avançando em direção ao futuro. Divulgamos o Plano de Negócios e Gestão 2015-2019. Esse é o nosso comprometimento com resultados e com o equilíbrio dos nossos negócios. Vamos investir US$ 130,3 bilhões até 2019 e chegar à produção de 2,8 milhões de barris de petróleo por dia no Brasil em 2020. Estamos focados na eficiência, trabalhando para garantir nossa competitividade. Seguir em frente é o que a gente faz. Todos os dias.


4 cantos

28 Cinema Film

O melhor do Festival de Gramado The best of the Gramado Film Festival

32 Dança Dance

O Grupo Corpo comemora 40 anos Grupo Corpo celebrates 40 years

36 TV TV

Netflix estreia a série Narcos Netflix premieres latest series, Narcos

FOTOS: ALEX ANDRE REZENDE (GRUPO CORPO); DANIEL DA Z A /DIV. (NARCOS)

32

36


agosto

4 CANT OS | A G E N D A

august

dia

2

Daniela Mercury SÃO PAULO (SP)

A musa do axé encerra a turnê A Voz e o Violão com uma apresentação na capital paulista. Para quem está acostumado a vê-la em cena dançando com toda sua banda, o show é uma grata surpresa. No repertório, uma mistura de novas e clássicas músicas de sua carreira. The muse of axé music ends her “A Voz e o Violão” tour with a performance in São Paulo. For those who are accustomed to seeing her on stage and dancing with all her band, the show is a pleasant surprise. The repertoire features a mixture of new songs and classics from her career.

TEATRO J. SAFRA, R. JOSEF KRYSS, 318, BARRA FUNDA, SÃO PAULO. DOM. (2), ÀS 20H. ENTRE R$90 E R$220

dia

8

11 2626 0243

COMPREINGRESSOS.COM

Festival Os Filhos dos Caras SÃO PAULO (SP)

Held by the Banco do Brasil Cultural Center and the Brazilian Postal Service, the event celebrates Father’s Day with a series of concerts: Jair Oliveira and Luciana Mello honor Jair Rodrigues; Léo Maia honors Tim Maia; and Simoninha and Max de Castro pay homage to Wilson Simonal. A food truck park rounds out the experience. PÇA. DO PATRIARCA, S/Nº, CENTRO, SÃO PAULO. SÁB. (8), DAS 13H ÀS 17H40 (MAX DE CASTRO, SIMONINHA E LÉO MAIA); DOM. (9), DAS 14H30 ÀS 17H50 (JAIR OLIVEIRA E LUCIANA MELLO). GRÁTIS

dia

8

BB.COM.BR/CULTURA

Feira Tijuana de Arte Impressa SÃO PAULO (SP)

dia

11

VI Circuito BNDES Musica Brasilis MANAUS (AM)

Durante todo o final de semana, 122 editoras – entre nacionais e estrangeiras, de países como Argentina, Uruguai e México – expõem suas publicações e participam de debates sobre a produção da América Latina. Uma revistaria com exemplares de baixa tiragem ou de distribuição limitada é outro destaque.

Pelo sexto ano consecutivo o festival que une música clássica, teatro e tecnologia promove apresentações em sete cidades brasileiras ao longo de quatro meses, começando pela capital amazonense. Os homenageados desta edição são Mário de Andrade e Edmundo Villani-Côrtes.

CASA DO POVO, R. TRÊS RIOS, 252, BOM RETIRO, SÃO PAULO. SÁB. (8) E DOM. (9),

TEATRO AMAZONAS, AV. EDUARDO RIBEIRO, CENTRO, MANAUS. TER. (11), ÀS 19H.

Over the weekend, 122 publishers – Brazilian and foreign, from countries such as Argentina, Uruguay and Mexico – exhibit their publications and take part in debates on Latin American production. A magazine stand, with issues of low circulation or limited distribution, is another highlight. DAS 12H ÀS 20H. GRÁTIS

11 3138 1525

026 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

CARGOCOLLECTIVE.COM/TIJUANA

For the sixth year in a row, the festival that gathers classical music, theater and technology, promotes performances in seven Brazilian cities over a four-month period, kicking off in Manaus. The honorees of this edition are Mário de Andrade and Edmundo Villani-Côrtes. GRÁTIS

92 3622 1880

MUSICABRASILIS.ORG.BR

FOTOS: CÉLIA SANTOS/DIV. (DANIEL A MERCURY); CARLOS RAMIREZ/DIV. ( THIAGUINHO); DIVULGAÇÃO

Realizado pelo CCBB e pelos Correios, o evento comemora o dia dos pais com uma série de shows: Jair Oliveira e Luciana Mello homenageiam Jair Rodrigues; Léo Maia, Tim Maia; e Simoninha e Max de Castro, Wilson Simonal. Um parque de food trucks completa a experiência.


Música | Music

Cinema | Film

TV | TV

Literatura | Literature

dia

23 dia

21

Caetano e Gil SÃO PAULO (SP)

Após rodar a Europa, a dupla dá início a uma série de shows da turnê Dois Amigos, Um Século de Música agora no Brasil. A estreia nacional será na capital paulista (21 e 22), depois passa por Belo Horizonte (26), Curitiba (28), Porto Alegre (29), Brasília (3/9), Rio (16 e 17/10) e termina em Salvador (28/11).

After a stint in Europe, the duo kicks off a series of concerts on their Dois Amigos, Um Século de Música tour, now in Brazil. The Brazilian leg of the tour will get under way in São Paulo (21st–22nd), then continue on to Belo Horizonte (26th), Curitiba (28th), Porto Alegre (29th), Brasilia (September 3rd), Rio (October 16th and 17th) and finish up in Salvador (November 28th). CITIBANK HALL, AV. DAS NAÇÕES UNIDAS, 17.955, SANTO AMARO, SÃO PAULO. SEX. (21), ÀS 22H30; SÁB. (22), ÀS 22H. ENTRE R$120 E R$450 4003 5588

TICKETSFORFUN.COM.BR

Teatro | Theater

Exposição | Exhibit

Dança | Dance

Outros | Others

Corrida Cartoon Network SÃO PAULO (SP)

Destinada às famílias, a competição tem um formato diferente: para participar é preciso compor uma dupla, entre um adulto e uma criança, de 4 a 14 anos. As inscrições devem ser feitas no site até o dia 17 de agosto.

Aimed at families, the competition has a different kind of format: in order to participate, racers must form a duo consisting of one adult and one child, aged 4 to 14. Participants can sign up for the event on the web site until August 17th. CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO, AV. PROFESSOR MELLO MORAES, S/Nº, CIDADE UNIVERSITÁRIA, BUTANTÃ, SÃO PAULO. DOM. (23), ÀS 7H30. R$160

dia

27

CORRIDACARTOON.COM.BR

Fliaraxá ARAXÁ (MG)

A 4ª edição do Festival Literário de Araxá comemora os 150 anos do município com o tema Imagina os Livros, Imagina a Cidade. A programação será especial: Lya Luft é a homenageada e o escritor Bernardo Carvalho está entre os convidados. Até 30 de agosto.

The 4th edition of the Araxá Literary Festival celebrates the city’s 150th anniversary and features the theme: Imagine Books, Imagine the City. The programming will be special: writer Lya Luft figures as the patron of the event, and Bernardo Carvalho is one of the guests. Until August, 30th. FUNDAÇÃO CULTURAL CALMON BARRETO, PÇA. ARTHUR BERNARDES, 10, CENTRO, ARAXÁ. GRÁTIS

dia

dia

22

Festival Samba Brasília BRASÍLIA (DF)

Thiaguinho (foto), Péricles, Molejo, Harmonia do Samba, Monobloco, dentre outros nomes da vertente, se revezam no palco do evento, que está em sua 4ª edição. A festa começa às 16h e se estende noite adentro.

28

FLIARAXA.COM.BR

O Grande Concerto da Casa de Francisca SÃO PAULO (SP)

Jards Macalé, Rodrigo Campos, Kiko Dinucci e Ná Ozzetti são alguns dos mais de 70 artistas que se apresentarão na 4ª edição do evento organizado pela casa de show paulistana. Serão três dias de apresentações, desta vez realizadas no Auditório Ibirapuera.

Thiaguinho (photo), Péricles, Molejo, Harmonia do Samba, Monobloco, among other big-time names in samba, take turns on stage at the event, currently in its 4th edition. The show starts at 4pm and extends well into the night.

Jards Macalé, Rodrigo Campos, Kiko Dinucci and Ná Ozzetti are just a few of the more than seventy artists who will be performing at the fourth edition of the event, organized by the São Paulo restaurant/ performance hall, Casa de Francisca. There will be three days of concerts, this time taking place at the Ibirapuera Auditorium.

ÁREA EXTERNA DO ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRINCHA, SRPN, S/Nº,

AUDITÓRIO IBIRAPUERA OSCAR NIEMEYER, AV. PEDRO ÁLVARES CABRAL, S/Nº,

ASA NORTE, BRASÍLIA. SÁB. (22), ÀS 16H. ENTRE R$35 E R$160

PARQUE IBIRAPUERA, SÃO PAULO. SEX. (28) E SÁB. (29), ÀS 21H; R$20. DOM. (30),

61 3263 4668

SAMBABRASILIA.COM

ÀS 17H; GRÁTIS

CASADEFRANCISCA.ART.BR

027


4 CANT OS | C I N E M A

Local production

Produção local O FESTIVAL DE CINEMA DE GRAMADO DESAFIA A CRISE CULTURAL E EXIBE, ENTRE

OS DIAS 7 E 15 DESTE MÊS, FILMES DE DESTAQUE DO BRASIL E DA AMÉRICA LATINA THE GRAMADO FILM FESTIVAL DEFIES THE CULTURAL CRISIS AND OFFERS SCREENINGS OF OUTSTANDING FILMS FROM BRAZIL AND LATIN AMERICA, FROM AUGUST 7TH TO 15TH Por/By MARCO BEZZI

028 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


FOTOS: DIVULGAÇÃO

Na página anterior, no centro, cena de O Último Cine Drive-In; e, abaixo, do longa Ausência.Nesta página, acima, Marília Pêra, que será homenageada no evento; e, abaixo, imagem do filme O Fim e os Meios Previous page, center: scene from O Último Cine Drive-In; and below: from the film Ausência. This page, above: Marilia Pêra, the grand honoree at this year’s event; and below: image from O Fim e os Meios

Em sua 43ª edição, o Festival de Cinema de Gramado contempla mais uma vez o melhor das produções brasileira e latino-americana. Desafiando um cenário de incertezas na cultura nacional, destacado por seus próprios realizadores, o evento deste ano vai premiar os melhores títulos com um montante de R$280 mil – a serem divididos entre os vencedores das categorias longas brasileiros, longas estrangeiros, curtas nacionais e curtas gaúchos. No total, serão 37 fi lmes nacionais exibidos no Palácio dos Festivais, em Gramado, de 7 a 15 deste mês. Entre os oito longas estão Ausência, do premiado diretor Chico Teixeira (de A Casa de Alice), O Fim e os Meios, de Murilo Salles, O Último Cine Drive-In, de Iberê Carvalho, e o mais recente trabalho da paulistana Anna Muylaert, Que Horas Ela Volta?, com Regina Casé no papel principal (leia mais na pág. 66). Na categoria dos curtas, dois contam com a participação do músico e ator Paulo Miklos: Quando Parei de Me Preocupar com os Canalhas e Dá Licença de Contar. Entre as sete produções vindas dos outros países, estão, por exemplo, La Salada, do argentino Juán Martin Hsu, e En La Estancia, do mexicano Carlos Armella. Cuba, Colômbia, Costa Rica, Equador e Uruguai são as demais nações com representantes no festival. Além dos quase 40 Kikitos que serão distribuídos, o evento presta homenagem a Marília Pêra com o Troféu Oscarito. Na coletiva de apresentação dos fi lmes selecionados, foi exibido um vídeo em que a atriz falou da importância dos dois prêmios que ganhou no festival (com Bar da Esperança, de 1983, e Anjos da Noite, de 1987) . Já o cineasta Daniel Filho, diretor de Se Eu Fosse Você e Chico Xavier, receberá o Troféu Cidade de Gramado.

Currently in its 43rd edition, the Gramado Film Festival once again includes the best of Brazilian and Latin American production. Defying a scenario of uncertainties in Brazilian culture, highlighted by the organizers themselves, this year’s event will award the most outstanding titles with an overall prize amount of R$280,000 – to be distributed among the winners in the categories of Brazilian feature films, foreign feature films, Brazilian short films, and short films from the state of Rio Grande do Sul. In all, 37 Brazilian productions will be shown at the Palácio dos Festivais, in Gramado, from the 7th to the 15th of this month. Among the eight featurelength films are Ausência, by award-winning director Chico Teixeira (who directed A Casa de Alice); O Fim e os Meios, by Murilo Salles; O Último Cine Drive-In, by Iberê Carvalho; and the latest work by São Paulo-based filmmaker Anna Muylaert, Que Horas Ela Volta?, with Regina Casé in the lead role (read more on page 66). In the category of short films, two titles feature musician and actor Paulo Miklos: Quando Parei de Me Preocupar Com os Canalhas and Dá Licença de Contar. Highlights among the seven films coming from neighboring countries include La Salada, by Argentine filmmaker Juan Martin Hsu, and En La Estancia, by Mexico’s Carlos Armella. Cuba, Colombia, Costa Rica, Ecuador and Uruguay are the other countries represented at the festival. In addition to the nearly 40 Kikitos (as the statuettes are known) to be distributed, the event honors Marilia Pêra with the Oscarito Trophy. For the press conference to announce this year’s selected films, the actress sent in a video where she spoke of the importance of the two awards she won previously in the festival (for Bar da Esperança in 1983, and Anjos da Noite in 1987) during her long career. Filmmaker Daniel Filho, actor and director of the feature films Se Eu Fosse Você and Chico Xavier, is slated to receive the “Cidade de Gramado” Trophy.

43º Festival de Cinema de Gramado

Palácio dos Festivais, Av. Borges de Medeiros, 2697, Centro, Gramado. De 7 a 15 de agosto. R$30 cada sessão; R$100 o ingresso para a noite de premiação FESTIVALDEGRAMADO.NET

029


4 CANT OS | C I N E M A

TELA GRANDE

BIG SCREEN

FIQUE POR DENTRO DAS PRINCIPAIS ESTREIAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DO MÊS GET IN ON THE BIGGEST NATIONAL AND INTERNATIONAL DEBUTS OF THE MONTH Por/By MARINA AZAREDO dia

27

Questões filosóficas Philosophical questions

Aclamado pela crítica no festival de Cannes deste ano, o novo filme de Woody Allen, Homem Irracional, conta a história de Abe (Joaquin Phoenix), um professor em meio a uma crise existencial que recupera a vontade de viver após se envolver com duas mulheres: Rita (Parker Pousey), uma colega de trabalho, e Jill (Emma Stone), sua melhor aluna.

dia

6

Critically acclaimed at this year’s Cannes festival, the new Woody Allen film, Irrational Man, tells the story of Abe (Joaquin Phoenix), a professor in the midst of an existential crisis who recovers his will to live when he gets involved with two women: Rita (Parker Posey) a co-worker, and Jill (Emma Stone), his best student. dia

20

Beleza em xeque Beauty in check

Dirigida por Cris D'Amato, a comédia Linda de Morrer narra a saga da cirurgiã plástica Paula (Glória Pires), que falece após aplicar em si mesma uma fórmula experimental para eliminar celulites e tem de voltar à Terra para evitar que sua sócia coloque o produto no mercado. Directed by Cris D'Amato, the comedy Linda de Morrer tells the saga of Paula (Glória Pires), a plastic surgeon who dies after giving herself an experimental formula to eliminate cellulite, and must return to the world of the living to keep her partner from marketing the product.

030 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Time de heróis A team of Heroes

A nova produção de Quarteto Fantástico conta a origem do grupo, quando os quatro jovens adquiriram poderes sobre-humanos após um projeto científico malsucedido. Miles Teller, Kate Mara, Michael B. Jordan e Jamie Bell são os protagonistas.

The new production of Fantastic Four recounts the origin of the group, when the four young adults acquired superhuman powers after a science project gone awry. Miles Teller, Kate Mara, Michael B. Jordan and Jamie Bell star in the film.


dia

13

Ação de tirar o fôlego Breathtaking action

Quinto longa da franquia de sucesso, Missão Impossível: Nação Secreta mostra como o agente especial Ethan Hunt (Tom Cruise) e sua equipe encaram um novo desafio: a eliminação do “Sindicato”, uma organização criminosa comprometida em destruir a IMF (Impossible Mission Force).

The fifth installment of the hit franchise, Mission Impossible: Rogue Nation is set when Special Agent Ethan Hunt (Tom Cruise) and his team have to overcome a new challenge: to eradicate the "Syndicate," a criminal organization committed to destroying the IMF (Impossible Mission Force).

dia

13

Sátira ao jornalismo Satire of journalism

FOTOS: SABRINA L ANTOS/DIV. (HOMEM IRRACIONAL); DAN BEHR E GUI MAIA /DIV. (A ESPERANÇA É A ÚLTIMA QUE MORRE ); DIVULGAÇÃO

Em A Esperança É a Última que Morre, Hortência (Dani Calabresa) é uma repórter de TV que sonha em ser âncora do telejornal local. Mas sua colega Vanessa (Katiuscia Canoro) fará de tudo para ocupar a vaga. Diante da concorrência, ela inventa um falso serial killer: o "Assassino dos Provérbios". In A Esperança É a Última que Morre, Hortência (Dani Calabresa) is a television reporter who dreams of being the anchor of the local TV news. But her co-worker Vanessa (Katiuscia Canoro) will do anything to fill the opening. Facing the competition, she makes up a fake serial killer, "The Proverb Killer."

pipocas Entre os dias 6 e 9 de agosto, o Rio de Janeiro sedia a 9ª edição do Live Cinema, que apresenta o que há de mais atual nas tendências do audiovisual From August 6th to 9th, Rio de Janeiro will host the 9th edition of Live Cinema, which features the very latest trends in audiovisual media

Popcorn

O Netflix anunciou as datas de lançamento de seus primeiros longas de ficção: em 16 de outubro estreia Beasts of No Nation e, em 11 de dezembro, Ridiculous Six Netflix has announced the release dates of its first feature-length films: Beasts of No Nation premiers on October 16th, and Ridiculous Six, on December 11th

031


4 CANT OS | D A N ร‡ A

Rodrigo Pederneiras e Cassi Abranches, a dupla de coreรณgrafos responsรกvel pela nova montagem do Grupo Corpo Rodrigo Pederneiras and Cassi Abranches, the duo of choreographers responsible for the latest production by Grupo Corpo

032 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Tradição

revigorada Tradition revived

O GRUPO CORPO, GRANDE REPRESENTANTE DA DANÇA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA, CELEBRA SEUS 40 ANOS COM A ESTREIA DE UM ESPETÁCULO EM BELO HORIZONTE, A CASA DA COMPANHIA GRUPO CORPO, ONE OF THE FOREMOST REPRESENTATIVES OF CONTEMPORARY BRAZILIAN DANCE, CELEBRATES ITS 40TH ANNIVERSARY WITH THE PREMIERE OF A SHOW IN BELO HORIZONTE, THE DANCE COMPANY’S HOME TOWN Por/By SOFIA FRANCO

O Grupo Corpo é uma companhia de permanência. Profissionais que se apresentaram em 1975, em Maria Maria, seu espetáculo de estreia, hoje trabalham nos bastidores. Suas ideias e seus objetivos no universo da dança contemporânea parecem organizados em uma linha contínua, exaltados nas coreografias criadas ao longo de quatro décadas de trajetória. “Estamos fazendo 40 anos com corpinho de 20”, brinca Rodrigo Pederneiras, coreógrafo responsável pelas principais conquistas da trupe. Residente na companhia desde 1981, ele é também o nome por trás do espetáculo Grupo Corpo – 40 Anos, que estreia no dia 5 de agosto, em Belo Horizonte. Ou melhor, é um dos nomes: a equipe convidou Cassi Abranches para assinar uma das duas coreografias da nova montagem, para dar um toque de renovação. Bailarina do Corpo durante 12 anos, ela participou de vários trabalhos de Pederneiras, como, por exemplo, Lecuona (2004), pelo qual tem especial carinho. “Dancei dois pas des deux, um deles com um vestido decotado vermelho muito bonito”, lembra ela. Em 2013, deixou o palco para se dedicar à criação, passou por outros grupos e agora volta aonde tudo começou. “O Corpo é minha escola. Existem traços na minha coreografia que remetem ao estilo da companhia.” >>

Fotos/Photos ALEXANDRE REZENDE

Grupo Corpo is a dance company of permanence. Professionals who performed in 1975 in Maria Maria, the company’s debut show, today work behind the scenes. Their ideas and goals in the world of contemporary dance seem to be organized in a continuous line, exalted in the choreographies created over four decades of history. “We’re turning 40 with a body of 20” jokes Rodrigo Pederneiras, choreographer responsible for the troupe’s main accomplishments. A resident at the company since 1981, he is also the name behind the show called Grupo Corpo – 40 Anos, which opens August 5th in Belo Horizonte. Or rather, he’s one of the names: the team invited Cassi Abranches to create one of the two choreographies in the new production, to give a touch of renewal. A dancer with Grupo Corpo for 12 years, she has participated in several works by Pederneiras, such as Lecuona (2004), which she is particularly fond of. “I danced two pas des deux, one with a very beautiful red low-cut dress,” she recalls. In 2013, she left the stage to focus on creation, did stints with other groups, and is now back where it all began. “Corpo is my school. There are traits in my choreography that hark to the company’s style.” >>

Grupo Corpo 40 anos DE 5 A 9/8

Palácio das Artes, Av. Afonso Pena, 1.537, Centro, Belo Horizonte. Qua. a sáb., às 20h30; dom., às 19h. R$90 31 3236 7400

DE 12 A 16/8 E DE 19 A 23/8

Teatro Alfa, R. Bento Branco de Andrade Filho, 722, Santo Amaro, São Paulo. Qua. e qui., às 21h; sex., às 21h30; sáb., às 20h; e dom., às 18h. Entre R$50 e R$130 11 5693 4000

DE 3 A 7/9

Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Pça. Floriano, s/nº, Centro, Rio de Janeiro. Qui. a sáb., às 20h; dom., às 17h; e seg., às 20h. Entre R$60 e R$120 21 2332 9191

033


4 CANT OS | D A N Ç A

NO PALCO

ON THE STAGE A cada ano a Temporada de Dança do Teatro Alfa, em São Paulo, mostra as tendências da dança contemporânea e traz obras significativas do repertório de grandes artistas. Na edição de 2015, além dos mineiros do Grupo Corpo, o Balé da Cidade de São Paulo e dois grupos europeus se apresentam, entre julho e setembro. Qua. e qui., às 21h; sex., às 21h30; sáb., às 20h; e dom., às 18h. Entre R$50 e R$190 Every year the Dance Season of Teatro Alfa, in São Paulo, shows trends in contemporary dance and brings significant works from the repertoires of major artists. At the 2015 edition, in addition to the Minas Gerais-based Grupo Corpo, the São Paulo City Ballet and two European groups will perform, from July to September. TEATROALFA.COM.BR/TEMPORADA2015

PROGRAMAÇÃO DE 30/7 A 2/8 CIRQUE PLUME

DE 12 A 16/8 E DE 19 A 23/8 GRUPO CORPO

DIAS 12 E 13/9

BALLET DU GRAND THEATRE DE GENÈVE

DE 24 A 27/9

BALÉ DA CIDADE DE SÃO PAULO

034 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

A montagem comemorativa se volta a Minas Gerais, a casa do grupo. Suíte Branca, coreografia de Cassi, terá trilha de Samuel Rosa, interpretada pelo Skank e composta especialmente para ela. “No início as músicas eram muito rápidas. Brinquei com o Samuel que não iria sobrar sequer um bailarino vivo ao fi nal”, comenta, achando graça. Já a de Pederneiras, Dança Sinfônica, será como um apanhado da história do grupo, das pessoas que por ele passaram e de seus momentos. “Ao longo da caminhada, algumas ideias vão sendo engavetadas. Fiz um resgate delas, misturando-as com sentimentos frescos”, explica ele. As canções que acompanharão sua coreografia são de Marco Antônio Guimarães, com peças interpretadas pela Filarmônica de Minas Gerais. O compositor, também mineiro, é parte importante na história da companhia, e representa mais um aspecto desse resgate idealizado por Pederneiras. Da parceria entre os dois – somada aos figurinos de Freusa Zechmeister e à iluminação de Paulo Pederneiras – nasceu o espetáculo 21, que, com requebrados de quadril e cenário composto de retalhos multicoloridos, consagrou, em 1992, o Grupo Corpo como o grande representante de um estilo brasileiro de dança. The commemorative production returns to Minas Gerais, the group’s home. Cassi’s choreography, Suíte Branca, will have a soundtrack composed by Samuel Rosa, performed by Skank and composed specially for her. “At first, the songs were very dense and fast. I joked with Samuel that there wasn’t going to be any dancer left alive by the end of the show,” she says, laughing. Pederneiras’ part, Dança Sinfônica, will be akin an overview of the history of the group, of the people who have been part of it, and its best moments. “Along the way, some ideas end up being shelved. I’ve revived them by mixing them with fresh feelings,” he explains. The songs that will accompany his choreography are by Marco Antônio Guimarães, with pieces interpreted by the Minas Gerais Philharmonic. The composer, also from Minas, is an important part of the company’s history, and represents yet another aspect of this revival conceptualized by Pederneiras. From the partnership between the two – plus wardrobe by Freusa Zechmeister and lighting design by Paulo Pederneiras – was born the show called 21, which, with swinging hips and a backdrop of multicolored patchwork, consecrated Grupo Corpo as the grand representative of a Brazilian style of dance, in 1992.


4 CANT OS

|

TV

FOTO: DANIEL DA Z A /DIV.

Wagner Moura no papel de Pablo Escobar na nova série Narcos Wagner Moura in the role of Pablo Escobar in the new series, Narcos

Brazilian action duo

Dobradinha brasileira NARCOS, UM DOS SERIADOS MAIS AGUARDADOS DA NETFLIX, ESTREIA NESTE MÊS COM WAGNER MOURA NO ELENCO E JOSÉ PADILHA NA PRODUÇÃO NARCOS, ONE OF NETFLIX’S MOST ANTICIPATED SERIES, PREMIERES THIS MONTH, STARRING WAGNER MOURA AND PRODUCED BY JOSÉ PADILHA Por/By SOFIA FRANCO

Narcos

Estreia no dia 28 de agosto, na Netflix

Depois do elogiado Francis Underwood de Kevin Spacey, em House of Cards, e da interpretação premiada de Taylor Schilling, em Orange Is the New Black, o papel de protagonista da mais nova série original da Netfl ix está a cargo de um brasileiro. Em Narcos, que tem estreia no dia 28 de agosto, Wagner Moura vive o traficante colombiano Pablo Escobar. E a equipe conta ainda com outro nome nacional de peso: José Padilha é o produtor-executivo e o diretor dos dois primeiros episódios da série que narra a história do Cartel de Medellín, uma das maiores organizações criminosas do século 20. A primeira temporada observa as forças políticas, legais, militares e civis que se chocam na tentativa de controlar o tráfico de cocaína. O elenco é internacional – Boyd Holbrook e Pedro Pascal são outros atores de destaque – e os diálogos foram gravados em inglês e espanhol. Com dez episódios, Narcos não deve decepcionar os fãs da dobradinha Moura-Padilha, dos dois longas bem-sucedidos da franquia Tropa de Elite: não faltam cenas de ação e explosivas. E o estilo realista e documental do diretor e produtor também está presente na trama, fi lmada em Bogotá, Medellín e em outras cidades da Colômbia.

036 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

After Kevin Spacey’s highly acclaimed Francis Underwood, in House of Cards, and Taylor Schilling’s award-winning performance in Orange is the New Black, the lead role of the newest original series on Netflix is in the hands of a Brazilian. In Narcos, slated to debut on August 28th, Wagner Moura plays Colombian drug lord Pablo Escobar. And the team also includes another big-time name in Brazilian cinema: José Padilha is the executive producer and director of the first two episodes of the series, which tells the story of the Medellin Cartel, one of the largest criminal organizations of the 20th century. The first season focuses on the political, legal, military and civil forces that clash in an attempt to control cocaine trafficking. The cast is international – Boyd Holbrook and Pedro Pascal are other featured names – and the dialogue was written in English and Spanish. A ten-episode series, Narcos is sure not to disappoint fans of the Moura–Padilha collaboration, responsible for the two hit feature films of the Elite Squad franchise: there will be plenty of action scenes, ruthless dealings, and explosions. The producer’s realistic and documentary-like style is also present in the story, filmed in Bogotá, Medellin and other cities in Colombia.


4 CANT OS

|

TV

VEJA ESSA

dia

7

LO O K AT T H I S

SAIBA QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS NOVIDADES DA PROGRAMAÇÃO DE TV FIND OUT THE MAIN NEWS ABOUT TV PROGRAMMING Por/By SOFIA FRANCO

dia

23

A descoberta da paternidade The discovery of fatherhood

Enigmas da mente Enigmas of the mind

Baseada em uma HQ argentina, gravada no Uruguai e com produção brasileira, a série O Hipnotizador é a nova aposta da HBO, exibida aos domingos, às 21h. Ela conta a história de Arenas (Leonardo Sbaraglia) que, por conta de seu poder de hipnose, atua como um “detetive do inconsciente” desvendando os mistérios que afligem quem busca sua ajuda. Based on an Argentine graphic novel, recorded in Uruguay, and produced in Brazil, the series O Hipnotizador is HBO’s latest bet, airing Monday at 9pm. It recounts the story of Arenas (played by Leonardo Sbaraglia) who, because of his power of hypnosis, acts as a “detective of the unconscious”, unraveling the mysteries afflicting those who seek his help.

Em sua 8ª temporada, o programa Boas Vindas, do GNT, vai mudar a perspectiva e mostrar de que forma os homens reagem à chegada de um filho. Boas Vindas – Nasce um Pai terá episódios às sextas-feiras, às 22h, e não ficará só no ambiente do hospital. Vai acompanhar também a rotina da família antes e depois do nascimento do bebê.

In its 8th season, the program Boas Vindas, on GNT, will change perspectives and show how men react to the birth of their child. Boas Vindas – Nasce um Pai will air episodes on Fridays at 10 pm, and won’t be set only in the hospital environment. It will also follow the family’s routine before and after the baby’s birth.

dia

Visões do além

Visions from beyond

Na primeira série brasileira produzida pelo canal AXN, os telespectadores pegam carona com o taxista João da Cruz (Vinícius de Oliveira), que utiliza seus poderes sobrenaturais para desvendar crimes e mistérios dos passageiros. Santo Forte será exibida aos domingos, às 21h.

In the first Brazilian series produced by AXN, viewers catch a ride with taxi driver João da Cruz (played by Vinícius de Oliveira), who uses his supernatural powers to uncover the crimes and mysteries of his passengers. Santo Forte airs Sundays at 9pm.

038 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

FOTOS: GNT/DIV. (BOAS VINDAS – NASCE UM PAI); DIVULGAÇÃO

30


FOTOS: KEKE KEUKEL A AR/DIV. (RETRATO); DAVID TURECK Y/DIV.

4 CANT OS | L I T E R A T U R A

A Holanda pede passagem Make way for the Netherlands

REALIZADO PELA PRIMEIRA VEZ NO PAÍS, O FESTIVAL CAFÉ AMSTERDÃ

PRETENDE APRESENTAR AUTORES E TÍTULOS HOLANDESES AO LEITOR BRASILEIRO HELD FOR THE FIRST TIME IN BRAZIL, THE CAFÉ AMSTERDAM FESTIVAL AIMS TO INTRODUCE DUTCH AUTHORS AND TITLES TO BRAZILIAN READERS Por/By LUIZA VIEIRA

Da carência de obras holandesas nas livrarias mundo afora nasceu um festival literário: o Café Amsterdã. Depois de passar por países como Argentina, Itália, China e Hungria, o evento desembarca este mês no Brasil, justamente para divulgar os títulos de lá. E, consequentemente, conquistar as editoras daqui para que suas histórias ganhem tradução para o português. Principal representante da literatura holandesa atual no Brasil, Arnon Grunberg é o autor de destaque a vir para o festival, que terá programação em São Paulo, de 26 a 30 de agosto, e depois no Rio, entre os dias 1º e 5 de setembro. Um dos poucos escritores de seu país a já ganhar tradução para o nosso idioma – Amsterdã Blues e Dor Fantasma saíram pela editora Globo –, ele agora lança Tirza pela Rádio Londres. Segundo Maarten Valken, chefe de relações exteriores da Fundação Holandesa das Letras, o Brasil é um dos países na mira da instituição. “O Café Amsterdã é como uma degustação do que a Holanda pode ‘servir’ ao Brasil”, diz, referindose ao trabalho dos outros convidados, como o romancista Tommy Wieringa – que lançará Joe Speedboat –, o poeta Arjen Duinker e as autoras Marjolin Hof e Janny van der Molen. Os escritores internacionais serão acompanhados nas mesas-redondas por nomes da literatura brasileira contemporânea, como Daniel Galera e Michel Laub. Shows, exposições e espetáculos teatrais completam a agenda.

040 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

From the general scarcity of Dutch works in bookstores around the world, a literary festival was born: Café Amsterdam. After passing through countries such as Argentina, Italy, China and Hungary, the event arrives in Brazil this month, precisely to disseminate titles from the Netherlands. And, consequently, to win over Brazilian publishers, for their stories to be translated into Portuguese. The main representative of current Dutch literature in Brazil, Arnon Grunberg is the foremost author to come to the festival, which will take place in São Paulo from August 26th–30th, and then move on to Rio, from September 1st–4th. One of the few writers of his country to have his writing translated into Portuguese – Blue Mondays and Phantom Pain were published by Editora Globo – he now releases Tirza, published by Rádio Londres. According to Maarten Valken, head of foreign relations at the Dutch Foundation for Literature, Brazil is one of the countries in the institution’s sights. “Café Amsterdam is like a tasting of what the Netherlands can ‘serve’ to Brazil,” he says, referring to the work of other guest writers, like novelist Tommy Wieringa (who will launch Joe Speedboat), poet Arjen Duinker, plus authors Marjolin Hof and Janny van der Molen. At the round table discussions, the international writers will be accompanied names in contemporary Brazilian literature such as Daniel Galera and Michel Laub. Concerts, exhibitions and theater performances round out the event’s agenda.

À esquerda, festival Café Amsterdã realizado em Praga, em 2007; e, acima, o escritor Arnon Grunberg Left: Café Amsterdam held in Prague, in 2007; and right: Dutch writer Arnon Grunberg

Café Amsterdã São Paulo De 26 a 30 de agosto. Na Biblioteca Mário de Andrade, na Livraria Martins Fontes e na Livraria da Vila. Grátis Rio de Janeiro De 1º a 5 de setembro. Na Livraria da Travessa e na Biblioteca Parque. Grátis LETTERENFONDS.NL/ EVENTS/BRASIL


4 CANT OS | L I T E R A T U R A

BIBLIOTECA

estante Bookshelf

LIBRARY

VEJA AQUI UMA SELEÇÃO DE NOVOS TÍTULOS NACIONAIS E ESTRANGEIROS A SELECTION OF NEW BRAZILIAN AND FOREIGN TITLES Por/By BRUNA TIUSSU

Atmosfera sombria Gloomy atmosphere

Personagem mais aclamado do cubano Leonardo Padura, o detetive Mario Conde está de volta em O Rabo da Serpente (Editora Benvirá, R$34,90) para desvendar outro crime: um assassinato ocorrido no decadente bairro chinês de Havana. Durante a investigação, abastecida por muitas doses de álcool, ele se aproxima de rituais e negócios secretos que marcam a realidade de muitas famílias de imigrantes da Ásia. The most highly acclaimed character of Cuban writer Leonardo Padura, detective Mario Conde, is back in O Rabo da Serpente (published by Editora Benvirá, R$34.90) to uncover yet another crime: a murder that occurred in Havana’s seedy ‘Chinatown’. During the investigation, fueled by many shots of hard liquor, he infiltrates the rituals and secret dealings that mark the reality of many Asian immigrant families.

Jumanji Jumanji

Chris van Allsburg .......................... A obra original, adaptada para o cinema em 1995, agora ganha versão brasileira. Nela, os irmãos Peter e Judy se deparam com um jogo repleto de aventuras fantásticas. The original book, adapted for the big screen in 1995, now has a Brazilian version. In it, siblings Peter and Judy come across a game full of fantastic adventures. COSAC NAIFY, R$39,90

Bate-papos cômicos Humorous interviews

Mario Prata let his imagination run wild, but without relinquishing historically known facts, when he wrote the texts featured in Mario Prata Entrevista Uns Brasileiros (published by Editora Record, R$35). In all, there are 22 talks that the author allegedly had with personalities who have had an impact on Brazilian history. The lucky ones range from Pedro Álvares Cabral and Dom Casmurro to Aleijadinho and Xica da Silva.

042 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Só por Hoje e para Sempre

Só por Hoje e para Sempre Renato Russo .......................... Escrito em 1993, quando o músico esteve internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos, o diário traz uma autoanálise profunda sobre sua vida. Written in 1993, when the singersongwriter was hospitalized in a rehab clinic for drug addicts, the diary brings a profound selfexamination of his life. COMPANHIA DAS LETRAS, R$34,90

IMAGENS: REPRODUÇÃO

Mario Prata deixou a imaginação rolar, mas sem abrir mão de fatos historicamente conhecidos, para escrever os textos de Mario Prata Entrevista Uns Brasileiros (Editora Record, R$35). No total, são 22 conversas que o autor supostamente travou com personalidades que marcaram a trajetória do País. Os eleitos vão de Pedro Álvares Cabral a Dom Casmurro, passando por Aleijadinho e Xica da Silva.


4 CANT OS

|

T E AT R O

Palco cosmopolita Cosmopolitan stage

ENTRE OS DIAS 18 E 30 DE AGOSTO, COMPANHIAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS APRESENTAM SUAS MONTAGENS EM BRASÍLIA, NA 16ª EDIÇÃO DO CENA CONTEMPORÂNEA FROM AUGUST 18TH TO 30TH, NATIONAL AND INTERNATIONAL THEATER COMPANIES PRESENT THEIR STAGE PRODUCTIONS IN BRASÍLIA, AT THE 16TH EDITION OF CENA CONTEMPORÂNEA

Em sua 16ª edição, o Cena Contemporânea – Festival Internacional de Teatro de Brasília volta a misturar trabalhos oriundos de diferentes países do mundo. De 18 a 30 deste mês, artistas brasileiros e nomes premiados de Portugal, Espanha, Polônia, França e Geórgia protagonizam espetáculos consagrados na capital federal. A polonesa Jolanta Juszkiewicz é um dos destaques da leva internacional. A atriz encena The Mother, peça do grupo polono-australiano Kropka Theatre que joga luz sobre o relacionamento entre mãe e fi lho. Já uma das mais importantes companhias da Espanha, a Matarile Teatro, traz dois de seus espetáculos: Staying Alive e Teatro Invisible. As montagens nacionais, por sua vez, correspondem a quase duas dezenas de produções, sendo sete delas originárias de Brasília. Muitas já foram premiadas em outros eventos Brasil afora, como Salina – A Última Vértebra, do grupo Amok Teatro; Ricardo III, de Gustavo Gasparani; Isso Te Interessa?, da Companhia Brasileira de Teatro; e E se Elas Fossem Para Moscou?, de Christiane Jatahy. Esta última mistura peça teatral e fi lme, feitos ao mesmo tempo, ao vivo, no palco.

044 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Acima, a peça Staying Alive e, aqui, Jolanta Juszkiewicz, em The Mother Above: the play Staying Alive; here: Jolanta Juszkiewicz in The Mother

Cena Contemporânea – Festival Internacional de Teatro de Brasília Oito teatros de Brasília. De 18 a 30 de agosto. Há espetáculos gratuitos e outros que custam entre R$20 e R$30 CENACONTEMPORANEA.COM.BR

In its 16th edition, Cena Contemporânea – International Theater Festival of Brasília returns to mix works that come from different countries. From the 18th to the 30th of this month, Brazilian artists and award-winning names from Spain, Poland, France, Georgia and Portugal star in enshrined stage productions in Brazil’s federal capital. Jolanta Juszkiewicz, of Poland, is one of the highlights of the international portion. The actress stars in The Mother, a play performed by the Polish-Australian Kropka Theatre group, which sheds light on a mother-son relationship. Also, one of the foremost stage companies in Spain, Matarile Teatro, brings two of its award plays: Staying Alive and Teatro Invisible. Brazilian productions, in turn, account for nearly twenty plays, seven of which are originally from Brasília. Many of them have already been awarded at other events across Brazil, such as Salina – A Última Vértebra, by Amok Teatro; Ricardo III, by Gustavo Gasparani; Isso Te Interessa?, by Companhia Brasileira de Teatro; and E se Elas Fossem Para Moscou?, by Christiane Jatahy. This last one is a mixture of stage play and film that are shown at the same time, live on stage.

FOTOS: RUBÉN VIL ANOVA /DIV. (STAYING ALIVE ); MIROSL AW KOCZKODAJ/DIV. (THE MOTHER)

Por/By MARCO BEZZI


4 CANT OS

|

T E AT R O

N O S PA L C O S

O N T H E S TAG E S

ACOMPANHE A PROGRAMAÇÃO DOS FESTIVAIS E AS ESTREIAS TEATRAIS CHECK OUT THE FESTIVALS SCHEDULE AND THEATER DEBUTS Por/By SOFIA FRANCO

Um conto russo

Metrópole efervescente

O Capote, adaptação de Drauzio Varella e Cássio Pires da obra de Nikolai Gogol, apresenta Akaki Akakievitch, um escrevente que se submete a severas restrições para juntar dinheiro e comprar um novo capote. Com direção de Yara Novaes, a montagem mistura narrativas, diálogos, música e vídeos. O elenco é formado por Rodolfo Vaz, Rodrigo Fregnan, Marcelo Villas Boas e pela musicista Sarah Assis. Até 21 de setembro.

As lembranças de Mariano (Leonardo Miggiorin), um aprendiz de gigolô, conduzem o público pela São Paulo das décadas de 30 e 40 no musical Memórias de um Gigolô, em cartaz até 30 de agosto. Na trama – adaptação de Miguel Falabella do romance de Marcos Rey –, ele se apaixona por Guadalupe (Mariana Rios), prostituta protegida pelo cafetão Esmeraldo (Marcelo Serrado).

A Russian tale

Effervescent metropolis

O Capote (The Overcoat), the Brazilian adaptation by Drauzio Varella and Cássio Pires of the work by Nikolai Gogol, is the story of Akaky Akakievich, a poor government clerk who scrimps and saves in order to have enough money to buy a new overcoat. Directed by Yara Novaes, the production combines narratives, dialogue, music and videos. The cast includes Rodolfo Vaz, Rodrigo Fregnan and Marcelo Villas Boas, plus musician Sarah Assis. Up to September, 21st. CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL, R. ÁLVARES PENTEADO, 112,

The memories of Mariano (Leonardo Miggiorin), a gigolo’s apprentice, lead audiences through São Paulo of 1930s and 40s, in the musical Memórias de um Gigolô, playing through August 30th. In the plot – an adaptation by Miguel Falabella of the novel by Marcos Rey – he falls in love with Guadalupe (Mariana Rios), a prostitute protected by a pimp named Esmeraldo (Marcelo Serrado). TEATRO PROCÓPIO FERREIRA, R. AUGUSTA, 2823, CERQUEIRA CÉSAR, SÃO PAULO. QUI., ÀS 21H; SEX., ÀS 21H30; SÁB., ÀS 18H E ÀS 21H30; DOM., ÀS 18H. ENTRE R$50 E R$180

11 3083 4475

TEATROPROCOPIOFERREIRA.COM.BR

CENTRO, SÃO PAULO. SÁB. E SEG., ÀS 20H; DOM., ÀS 19H. R$10 11 3113 3651

CULTURABANCODOBRASIL.COM.BR

The ups and downs of fame

Billie Holiday completaria 100 anos em 2015 e para homenagear a diva do jazz, estreia, em 20 de agosto, Amargo Fruto – A Vida de Billie Holiday. O drama musical destaca o talento da cantora – interpretada por Lilian Valeska –, mas também retrata sua vida tumultuada. As 25 canções da montagem, como Summertime e Blue Moon, são tocadas ao vivo. Até 27 de setembro.

Billie Holiday would have turned 100 in 2015, and to pay tribute to the jazz diva, Amargo Fruto – A Vida de Billie Holiday (Bitter Fruit – The Life of Billie Holiday) will debut on August 20th. The musical drama depicts not only the talent of the singer – played by Lilian Valeska – but also her tumultuous life. The 25 songs featured in the production, including Summertime and Blue Moon, are played live. Up to September 27th.

TEATRO CARLOS GOMES, PÇA. TIRADENTES, S/Nº, CENTRO, RIO DE JANEIRO. QUI. A SÁB., ÀS 19H30; DOM., ÀS 18H. R$60 21 2224 3602

046 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

TEATROCARLOSGOMES.COM.BR

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

FOTOS: ANDREA ROCHA /DIV. (AMARGO FRUTO); JOÃO CALDAS/DIV. (O CAPOTE ); PAPRICA FOTOGRAFIA /DIV. (MEMÓRIAS DE UM GIGOLÔ); DÁRIO JR./DIV. (SANTA)

Altos e baixos da fama


Poema sensorial Sensory poem

De volta aos palcos depois de quatro anos, Angela Vieira contracena com Guilherme Leme – que também assina a direção – em Santa, que faz temporada no Rio de Janeiro até 4 de outubro. O espetáculo, criado por meio de um processo colaborativo, utiliza as palavras e o movimento do corpo para abordar o complexo sentimento de solidão.

Back on stage after four years, Angela Vieira co-stars with Guilherme Leme – who is also the director – in Santa, playing in Rio through October 4th. The show, created through a collaborative process, uses words and body movement to talk about the complex feeling of loneliness. TEATRO TOM JOBIM, R. JARDIM BOTÂNICO, 1008, JARDIM BOTÂNICO, RIO DE JANEIRO. SÁB., ÀS 21H; AF_202x133mm_AzulMag_Comfort.pdf 296094_AGÊNCIA P+E_Muda de Ares_202x133 10/07/2015 - 15:47

1

06/07/15

11:33

9572_296094_REV_AZUL_MAGAZINE_Comfort_202x133_alta.pdf

DOM., ÀS 19H. R$40

21 2274 7012

JBRJ.GOV.BR

1 de 1


Direto de

FOTOS: JIM ARBOGAST/DIV.

4 CANT OS | M Ú S I C A

Straight from New Orleans

New Orleans

O BOURBON STREET FEST CHEGA À 13ª EDIÇÃO FIEL AO SEU OBJETIVO DE TRAZER PARA SÃO PAULO OS PRINCIPAIS NOMES DO JAZZ, DO SOUL E DO FUNK THE BOURBON STREET FEST REACHES ITS 13TH EDITION TRUE TO ITS PURPOSE OF BRINGING MAJOR NAMES IN JAZZ, SOUL AND FUNK TO SÃO PAULO

Por/By LUIZA VIEIRA

Em 2003, quando buscava uma forma de celebrar os dez anos de sua casa paulistana, o Bourbon Street Music Club, o empresário Edgard Radesca teve um grande estalo: organizar uma bela festa de jazz na rua, com nomes consagrados do gênero. O sucesso da primeira edição foi tanto que automaticamente o evento ganhou lugar cativo no calendário cultural de São Paulo. Hoje, 12 anos depois de sua estreia, o Bourbon Street Fest segue como o evento responsável por trazer ao País os principais artistas do jazz da cidade norte-americana de New Orleans. A banda Dwayne Dopsie & The Zydeco Hellraisers e o bluesman do Delta do Mississsippi Little Freddie King são os destaques da 13ª edição, realizada entre 22 e 30 de agosto. O festival ainda agrada o público com duas atrações inéditas no Brasil: o grupo de superfunky Galactic (foto) e o de música cajun Lost Bayou Ramblers. Responsável pela curadoria, Edgard viaja todos os anos aos Estados Unidos para conhecer novos músicos. "Nós trazemos nomes do jazz, do soul, do funk e do gospel. Pode ser tanto gente de New Orleans quanto alguém que se apresenta no festival de lá", explica. Como de praxe, a abertura e o encerramento do Bourbon Street Fest serão marcados por shows gratuitos, no Parque Ibirapuera, com a participação dos paulistanos da Orleans Street Jezz Band.

048 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

13º Bourbon Street Fest

Parque Ibirapuera, Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, São Paulo. Shows de abertura, dia 22 de agosto, às 16h, e de encerramento, no dia 30 de agosto, às 16h. Grátis Bourbon Street Music Club, R. dos Chanés, 127, Moema, São Paulo. Apresentações de 25 a 29 de agosto. Entre R$65 e R$85 BOURBONSTREETFEST.COM.BR

In 2003, when he was looking for a way to celebrate the tenth anniversary of his São Paulo nightclub, the Bourbon Street Music Club, entrepreneur Edgard Radesca had a tremendous idea: to hold a wonderful jazz party on the street, with established names of the genre. The success of the first edition was such that the event automatically gained a permanent spot on São Paulo’s cultural calendar. Today, 12 years after its premiere edition, the Bourbon Street Fest is still the event responsible for bringing to Brazil major jazz artists from the New Orleans city. Dwayne Dopsie & The Zydeco Hellraisers and the Mississippi Delta bluesman Little Freddie King, are the highlights of the 13th edition, which takes place August 22th–30th. The festival will also please audiences with two new attractions in Brazil: the super-funky group Galactic (photo) and the Cajun music group, Lost Bayou Ramblers. Responsible for curating the festival, Edgard travels to the United States every year to meet new musicians. "We bring names in jazz, soul, funk and gospel. They can be either people from New Orleans or people who have performed at the festival there," he explains. As is customary, the opening and closing of the Bourbon Street Fest will be marked by free concerts, in Ibirapuera Park, with the participation of São Paulo based Orleans Street Jazz Band.


Manserv especialista em servir Trabalhamos com um time de especialistas com o objetivo de otimizar resultados dos clientes. Conheça nossos núcleos de negócios:

>> Manutenção Industrial Multidisciplinar >> Paradas Programadas e Montagens >> Operação e Manutenção de Sistemas Auxiliares

>> Gerenciamento de Facilities >> Manutenção Predial >> Limpeza e Atividades de Apoio >> Serviços Volantes

Mais de 200 clientes distribuídos no Brasil e Argentina

Mais de 22.000 colaboradores

Certificada SA8000, ISO 9001, ISO 14001 e OHSAS 180001

Conheça nossas soluções: www.manserv.com.br

>> Armazenagem >> Gestão completa de CDs >> Intralogística >> Transportes


4 CANT OS | M Ú S I C A

OUÇA ESSA

LISTEN TO THIS

OS PRINCIPAIS LANÇAMENTOS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DO MÊS THE MAIN NATIONAL AND INTERNATIONAL RELEASES OF THE MONTH Por/By SOFIA FRANCO

Do fundo do baú

From the back of the closet

Gravações caseiras feitas em fitas cassetes por Cássia Eller, em 1983, foram recuperadas no álbum Segredo. A artista solta a voz em canções de Edith Piaf, The Beatles, Luiz Melodia e outros músicos que influenciaram seu estilo multifacetado. Há ainda Flor do Sol, composição dela em parceria com Simone Saback. Home recordings made on cassette tapes by Cássia Eller in 1983 have been recovered on the album Segredo. The artist belts out songs by Edith Piaf, The Beatles, Luiz Melodia, and other musicians who influenced her multifaceted style. The album also includes Flor do Sol, a song she wrote in partnership with Simone Saback.

Som que satisfaz

Ritmos tropicais Tropical rhythms

Fafá de Belém comemora 40 anos de carreira com o lançamento de Do Tamanho Certo para Meu Sorriso, produzido por Felipe e Manoel Cordeiro. O álbum contém dez músicas inéditas, que navegam entre o pop, o brega e a batida paraense. A direção é do DJ Zé Pedro. Fafá de Belém celebrates her 40-year career by releasing Do Tamanho Certo para Meu Sorriso, produced by Felipe and Manuel Cordeiro. The album contains ten new tracks with styles ranging from pop to brega to batida paraense. The album was produced by DJ Zé Pedro.

playlist

Satisfying sound

Music is food for Joss Stone’s soul. The English singer puts across this philosophy on her seventh album, Water For Your Soul, with 14 previously unreleased tracks. The songs Stuck On You and reggae-inspired Love Me have already been played on stage in several countries during the singer’s latest world tour, which passed through Brazil last March.

050 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Didi Wagner

A P R E S E N TA D O R A

Do it to it Cherish i Kendrick Lamar Can’t Tell Me Nothing Kanye West Ziriguidum Lurdez da Luz Que Tempo Bom Thaide e DJ Hum

FOTOS: DIVULGAÇÃO

A música é alimento para a alma de Joss Stone. A inglesa traz esta filosofia em seu sétimo disco, Water For Your Soul, com 14 faixas inéditas. O reggae Love Me e a canção Stuck On You já foram apresentados em palcos de diversos países durante a turnê mundial da cantora, que passou por aqui em março.


4 CANT OS | E X P O S I Ç Ã O

ARTE EM FOCO

ART IN FOCUS

SAIBA MAIS SOBRE OS DESTAQUES DE MUSEUS E ESPAÇOS CULTURAIS FIND OUT MORE ABOUT THE OUTSTANDING MUSEUMS AND CULTURAL SPACES Por/By LUIZA VIEIRA

Três décadas de produção Three decades of production

Arnaldo Antunes apresenta uma coleção de colagens, instalações, poemas e vídeos feitos durante os 30 anos de sua carreira em Palavras em Movimento, em cartaz até 30 de agosto – depois a exposição vai para Brasília e Rio. Em todas as obras, com plataformas distintas, o artista mostra sua capacidade de “brincar” com as palavras.

Arnaldo Antunes presents a collection of collages, installations, poems and videos made during his 30-year career in Palavras em Movimento, showing through August 30th – after which the exhibition heads to Brasília and Rio. In all of the works, with different platforms, the artist showcases his ability to “play” with words. CENTRO CULTURAL CORREIOS, AV. SÃO JOÃO, S/Nº, VALE DO ANHANGABAÚ, SÃO PAULO. TER. A DOM., DAS 11H ÀS 17H. GRÁTIS

11 3227 9461

Gênio criativo

Improvisation (1910) and Amazon With Blue Lions (1918; pictured) are two of the 150 works that comprise the exhibit titled Kandinsky: Tudo Começa num Ponto (All Begins at a Point). After passing through Brasilia, Rio and Belo Horizonte, the exhibition arrives in São Paulo, its last stop in Brazil, where it will remain through September 28th. In addition to paintings, objects and texts also help to show audiences the Russian artist’s way of thinking. CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL DE SÃO PAULO, R. ÁLVARES PENTEADO, 112, CENTRO, SÃO PAULO. QUA. A SEG., DAS 9H ÀS 21H. GRÁTIS 11 3113 3651

CULTURABANCODOBRASIL.COM.BR

Estímulo nacional National stimulus

Carioca criado em Viena, o artista plástico Christian Rosa realiza sua primeira individual no Brasil, na galeria White Cube, em São Paulo. Até 22 de agosto Mais que Nada – More than Nothing apresenta uma série de pinturas abstratas feitas aqui e inspiradas na desordem visual de São Paulo.

A Rio native raised in Vienna, artist Christian Rosa holds his first solo show in Brazil, at the White Cube gallery in São Paulo. Through August 22th, Mais que Nada – More than Nothing presents a series of abstract paintings made here and inspired by the visual clutter of São Paulo. WHITE CUBE, R. AGOSTINHO RODRIGUES FILHO, 550, VILA MARIANA, SÃO PAULO. TER. A SEX., DAS 11H ÀS 19H; SÁB., DAS 11H ÀS 17H. GRÁTIS

052 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

11 4329 4474

WHITECUBE.COM

FOTOS: FERNANDO CAVALCANTI/DIV. (MARIA DE TODOS NÓS); MUSEU ESTATAL RUSSO/DIV. (K ANDINSKY ); FERNANDO L ASZCO/DIV. (PAL AVRAS EM MOVIMENTO); DIVULGAÇÃO

Creative genius

Improvisação (1910) e Amazona com Leões Azuis (1918; foto) são duas das 150 obras que compõem Kandinsky: Tudo Começa num Ponto. Depois de passar por Brasília, Rio e Belo Horizonte, a exposição desembarca em São Paulo, sua última parada no Brasil, onde fica até 28 de setembro. Além de pinturas, objetos e textos ajudam a revelar ao público o pensamento do artista russo.


Pratas da casa

Local production showcased

Mentes engenhosas Ingenious minds

Itens como uma guitarra elétrica, um ferro de passar roupa e uma lâmpada incandescente protagonizam os trabalhos reunidos em Invento – As Revoluções que Nos Inventaram – em cartaz de 5 de agosto a 4 de outubro. As obras são assinadas por 30 artistas, dentre eles Andy Warhol, Christian Boltanski, Jarbas Lopes, Janet Cardiff, Man Ray (foto) e Nam June Paik.

Items such as an electric guitar, an iron, and an incandescent light bulb star in the works gathered in Invento – As Revoluções Que Nos Inventaram – showing from August 5th to October 4th. The works are signed by 30 artists, including Andy Warhol, Christian Boltanski, Jarbas Lopes, Janet Cardiff, Man Ray (photo) and Nam June Paik.

A mostra Filmes e Vídeos de Artistas na Coleção Itaú Cultural leva a Belém, pela primeira vez, dez trabalhos do acervo de videoarte da instituição paulistana. De autoria de Cao Guimarães, Nelson Leirner, Regina Silveira (foto), entre outros, a seleção representa um importante recorte da produção brasileira contemporânea. Até 21 de setembro.

The showing called Filmes e Vídeos de Artistas na Coleção Itaú Cultural brings to Belém – for the first time – ten works from the São Paulo-based institution’s video art collection. Authored by Cao Guimarães, Nelson Leimer, Regina Silveira (pictured), among others, the selection is an important clipping of contemporary Brazilian video production. Up to September 21st. ESPAÇO CULTURAL CASA DAS 11 JANELAS, PÇA. DOM FREI CAETANO BRANDÃO, S/Nº, CIDADE VELHA, BELÉM. TER. A SEX., DAS 10H ÀS 18H; SÁB. E DOM., DAS 9H ÀS 13H. GRÁTIS

91 4009 8821

OCA, PARQUE IBIRAPUERA, AV. PEDRO ÁLVARES CABRAL, S/Nº, IBIRAPUERA, SÃO PAULO. TER. A DOM., DAS 9H ÀS 17H. GRÁTIS 11 5082 1777

PARQUEIBIRAPUERA.ORG

Bethânia em todas as formas Bethânia in all forms

Maria de Todos Nós presta justa homenagem aos 50 anos de carreira de Maria Bethânia. Ziraldo, irmãos Campana, Flávio Colker e Gringo Cardia (foto) são alguns dos 160 profissionais – entre artistas plásticos, fotógrafos, poetas, designers e músicos – que expõem suas peças inspiradas na cantora. Ao todo, há 980 imagens, 302 obras e 120 objetos. Até 13 de setembro.

Maria de Todos Nós pays homage to Maria Bethânia’s 50-year singing career. Ziraldo, Campana Brothers, Flávio Colker, and Gringo Cardia (pictured) are some of the 160 professionals – ranging from visual artists to photographers, poets, designers and musicians – who exhibit their works inspired by the singer: in all, there are 980 images, 302 works and 120 objects. Up to September 13th. PAÇO IMPERIAL, PÇA. 15 DE NOVEMBRO, 48, CENTRO, RIO DE JANEIRO. TER. A DOM., DAS 12H ÀS 18H. GRÁTIS 21 2533 4359

PACOIMPERIAL.COM.BR

053


Chef 5 Estrelas de Curitiba

Chef do Ano

Restaurateur do ano

Gazeta do Povo 2012 (Hors-Concours)

Gazeta do Povo 2012 Gula 2011 Veja 2011

Guia Brasil 4 Rodas 2009

“Difícil é ser simples”. A frase do genial Chef francês Paul Bocuse sempre me ensinou muito, e essa é a principal razão por que os nossos pratos surpreendem. O sabor vem principalmente dos ingredientes frescos, naturais e de alta qualidade que cuidadosamente selecionamos. Não usamos nenhum tipo de conservante ou aromatizante, fazemos nós mesmos quase tudo que servimos, pois só assim temos certeza que controlamos tudo e que temos a melhor qualidade em todas as etapas para lhe servir um prato surpreendente. Cuidamos também do nosso ambiente, da decoração e especialmente do nosso pessoal. No Madero, vamos surpreender você também na maneira de servir. Com muito orgulho, mas com humildade, podemos anunciar que ganhamos inúmeros prêmios nos últimos anos e, ainda mais importante para nós, que 99,8% dos nossos clientes se declaram satisfeitos. Mas prometemos que não vamos descansar enquanto não satisfizermos os 100%!

ENCONTRE UM DOS 50 RESTAURANTES MADERO PERTO DE VOCÊ:

RESTAURANTEMADERO.COM.BR


EXPERIMENTE O

MADERO

EM TODAS AS SUAS VERSÕES

STEAK HOUSE PRÓXIMOS RESTAURANTES (SOON): MIAMI BEACH, OCEAN DRIVE, 1412

SYDNEY, GEORGE ST, 100

ARAPONGAS • CAMPINAS • CAMPO GRANDE • CASCAVEL • CRICIÚMA • CUIABÁ • GUARAPUAVA LORENA • PORTO ALEGRE • RIO DE JANEIRO • SALVADOR • TAUBATÉ • VILA VELHA • VITÓRIA


highlights

60 Gastronomia Cuisine

A “nordestinidade” do Oficina do Sabor The “Northeasternness” of Oficina do Sabor

64 O Quarto The Room

O charme da pousada Ronco do Bugio The charm of Ronco do Bugio B&B

66 5 Perguntas 5 Questions

Anna Muylaert fala de seu novo filme Anna Muylaert talks about her latest film

FOTOS: ROBERTO SEBA (OFICINA DO SABOR); RODRIGO ERIB/DIV. (RONCO DO BUGIO)

60

64


HI GHLIGHT S | G A S T R O N O M I A

O Nordeste

A table set with Northeastern delights

posto à mesa JERIMUM, FRUTOS DO MAR, QUEIJO DE COALHO, COCO E OUTROS INGREDIENTES GENUINAMENTE REGIONAIS PROTAGONIZAM AS RECEITAS DO OFICINA DO SABOR, UMA DAS ESTRELAS GASTRONÔMICAS DE OLINDA SQUASH, SEAFOOD, COALHO CHEESE, COCONUT AND OTHER GENUINELY REGIONAL INGREDIENTS ARE FEATURED IN THE DISHES AT OFICINA DO SABOR, ONE OF THE CULINARY STARS OF OLINDA

Por/By VANESSA LINS Fotos/Photos ROBERTO SEBA

060 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Ir a Pernambuco e dispensar uma visita ao restaurante Oficina do Sabor é falha grave. A casa é um dos medalhões das ladeiras do Sítio Histórico de Olinda e sua trajetória se confunde com o próprio desenvolvimento da culinária do Estado. Tudo começou há 23 anos, quando César Santos percebeu o que ninguém havia atinado até então: era preciso levar à mesa ingredientes brasileiros ordinários, dando-lhes o status de alta gastronomia. A sacada deu certo. E revolucionou o modo de pensar e de cozinhar no Nordeste. Não à toa, as receitas que fazem mais sucesso nos salões do Oficina têm como produto-chave o jerimum, do tipo jacarezinho – carnudo, acentuadamente adocicado e dotado de um vívido tom laranja. A iguaria está presente nas 20 receitas de morangas recheadas do chef, que acabou ganhando por lá o título extraoficial de "embaixador da gastronomia pernambucana”. Dentro delas pode ir de tudo um pouco: bacalhau ao coco, camarão, linguiça matuta, frango, entre outros. César não tem limitações criativas quando o assunto é abóbora, e usa não menos


ENDEREÇOS

gastronômicos Gastronomical addresses

Por/By

César Santos

Creperia de Olinda Tem uma salada de camarão deliciosa. Vou direto. O ambiente despojado é agradável, assim como a comida. Has a delicious shrimp salad. I go straight there. The no-frills ambience is nice, as is the fare. R. PRUDENTE DE MORAIS, 168, CARMO, OLINDA 81 3429 2935

Na página anterior o chef César Santos e nacos de queijo de coalho e de cabra empanados com farinha de castanhas. Nesta página, o jerimum recheado com camarão e molho de pitanga e o ambiente do Oficina do Sabor Previous page: chef César Santos and morsels of coalho cheese breaded with cashew flour. This page: the shrimp-stuffed squash with pitanga sauce, and the ambience of Oficina do Sabor

que uma tonelada por mês. Dentre as receitas que ocupam os melhores lugares no ranking de vendas da casa está o jerimum frevoé, com camarões graúdos, lagostim e molho de maracujá, mais arroz de coco para acompanhar. Outro foco de sua cozinha é o uso de frutas tropicais, doces e coloridas. Vale pedir uma – ou muitas – caipifruta mista para se ter certeza do acerto do chef. Com vodca ou cachaça, ele mistura de uma só vez umbu-cajá, uva Isabel do Vale do São Francisco, pitanga, acerola e caju. O resultado é refrescante e delicioso. A cara do restaurante, cujo terraço tem vista da cidade-irmã, Recife. Ingredientes genuinamente locais são predominantes também na seção de sobremesas do cardápio. O passado do Estado, marcado por engenhos de açúcar e pela forte influência portuguesa, é representado por um repertório que não economiza na doçura. O coco é protagonista de quatro opções: doce de coco verde, sorvete de tapioca, bolinho de goma e cocada preta. Não fica atrás em grau de opulência a cartola ao engenho massangana, um composto de banana frita gratinada com queijo de coalho, mel de engenho, polvilho de açúcar e canela em pó. É a "nordestinidade" servida à mesa, pura e simples.

Oficina do Sabor

R. do Amparo, 335, Varadouro, Olinda, Pernambuco 81 3429 3331 OFICINADOSABOR.COM

Alto da Sé

Depois do expediente de domingo, no fim da tarde, subo a ladeira para comer uma tapioca tradicional de coco fresco ralado e queijo de coalho. After my lunch shift on Sunday, in the late afternoon, I climb the hill to eat a traditional tapioca with freshly grated coconut and coalho cheese. ALTO DA SÉ, S/Nº, VARADOURO, OLINDA

Bar do Geraldo

A omelete de charque com batata é meu prato predileto neste restaurante de comida caseira. The jerked beef and potato omelet is my favorite dish at this home-style restaurant. R. PIEDADE, 107, SANTO AMARO, RECIFE 81 3231 4177

O Buraquinho

Casa tradicional, onde levo todos os chefs que me visitam. Não dispenso a omelete de caranguejo e o cozido pernambucano. A traditional eatery where I take all the chefs who visit me. I can’t resist the crabmeat omelet and Pernambuco stew. R. SÃO PEDRO, 28, SÃO JOSÉ, RECIFE 81 3224 6431

Going to Pernambuco and not visiting Oficina do Sabor restaurant is a serious oversight. The eatery is one of the medallions of the hilly Historical Site of Olinda, and its history is intertwined with the very development of the state's cuisine. It all started 23 years ago, when César Santos realized what no one had hit upon until then: it was necessary to bring ordinary Brazilian ingredients to the table, giving them the status of haute cuisine. His insight proved to be spot-on. And he revolutionized the way of thinking and cooking in the Northeast of Brazil. It’s not surprising that the most successful recipes at Oficina feature a local species of squash (jerimum) as a key ingredient, more specifically, the jacarezinho variety – fleshy, sweet, and endowed with a vivid orange hue. The delicacy is present in 20 of the recipes for stuffed gourds by chef César, who ended up winning the unofficial title of “Ambassador of Pernambuco Gastronomy". A little of everything can go into them: cod fish in coconut sauce, shrimp, Matuta sausage, chicken, among others. César has no creative limits when it comes to squash, and goes through no less than a ton of this vegetable every month. Among the recipes that rank highest among the eatery’s sales are jerimum frevoé, with large shrimp, crayfish and passion fruit sauce, plus a side of coconut rice. Another hallmark of his kitchen is the use of tropical fruit, sweet and colorful. It’s worthwhile to order one (or several) of the mixed caipifrutas cocktails to corroborate that the chef’s libations are spot-on. With vodka or cachaça, he mixes in umbu-cajá, Isabel grapes from the São Francisco Valley, pitanga, acerola, and cashew fruit. The result is refreshing and delicious, the quintessence of the restaurant, whose terrace overlooks Olinda’s sister city, Recife. Genuinely local ingredients are also prevalent in the menu’s dessert section. The state’s history, marked by sugar mills and the strong Portuguese influence, is represented by a repertoire that doesn’t skimp on sweetness. Coconut is the star of four different textures: doce de coco verde, sorvete de tapioca, bolinho de goma and cocada preta. In terms of opulence, the cartola engenho massangana – a composite of fried banana au gratin with coalho cheese, molasses powdered sugar, and cinnamon – takes no back seat to the other desserts. This is "northeasternness" served at the table – plain and simple.

061


HI GHL IGHT S | G A S T R O N O M I A

BOM APETITE

BON APPETIT

CONFIRA AS MELHORES NOVIDADES DE BARES, RESTAURANTES E CAFÉS CHECK OUT THE BEST OF WHAT’S NEW IN BARS, RESTAURANTS, AND CAFÉS Por/By LUIZA VIEIRA

Cheiro de churrasco no ar Smell of barbecue in the air

Caliente recipe

Novidade em Vitória, o Jalapeño – Cocina y Cultura chegou com o intuito de fundir ingredientes mexicanos e brasileiros – e caprichar na pimenta. Além dos conhecidos ceviches (foto), burritos e nachos, a casa elabora pratos como o Frida Khalo: tiras de frango acompanhadas de alface, tomate, pimenta jalapeño, repolho roxo e feijão-vermelho.

A new restaurant in Vitória, Jalapeño – Cocina y Cultura was established with the aim of merging Mexican and Brazilian ingredients, and doesn’t skimp on pepper. In addition to the well-known ceviches (photo), burritos and nachos, the eatery also prepares dishes such as Frida Kahlo: chicken strips served with lettuce, tomato, red cabbage, jalapeño peppers and red beans.

Talho, a gourmet meat market in São Paulo, decided to expand its business. In addition to selling the cuts for customers to take home, two months ago it opened a location right next door, where customers can order ribs, picanha, lamb, ribeye, among others options, always grilled to order. Talho Pronto also serves up craft beers and side dishes like salads and vegetables.

JALAPEÑO – COCINA Y CULTURA, AV. FRANCISCO GENEROSO DA FONSECA, 355, LOJA 1,

TALHO PRONTO, AV. DIÓGENES RIBEIRO DE LIMA, 2314, ALTO DE PINHEIROS,

JARDIM DA PENHA, VITÓRIA

SÃO PAULO

27 3029 4742

JALAPENOCOCINA.COM.BR

11 3021 0250

TALHOCARNES.COM.BR

Banquete lusitano Lusitanian banquet

Casa tradicional de Lisboa e Trancoso, na Bahia, o El Gordo desembarca no Rio de Janeiro com todas as suas delícias portuguesas. Embutidos, favas guisadas, açordas de lagosta e receitas com bacalhau compõem as 90 opções de tapas a serem degustadas com uma boa sangria. O ambiente descontraído faz referência à cultura da Terrinha: da política ao esporte, passando por cinema, música e religião. A traditional eatery with locations in Lisbon, Portugal, and in Trancoso, Bahia, El Gordo arrives in Rio de Janeiro with all its Portuguese delicacies. Sausages, stewed fava beans, lobster açorda, and recipes with codfish comprise the 90 options of tapas, to be enjoyed with a nice pitcher of sangria. The laidback atmosphere makes reference to Brazilian culture: from politics and sports to movies, music and religion. EL GORDO, AV. GENERAL SAN MARTIN, 1219, LEBLON, RIO DE JANEIRO

062 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

21 3079 9581

FOTOS: CAMILL A MAIA /DIV. (EL GORDO); WILTON PRATA /DIV. (JAL APEÑO); DIVULGAÇÃO

Receita caliente

A Talho, loja de carnes gourmet de São Paulo, resolveu expandir os negócios. Além de vender os cortes para o cliente levar para casa, inaugurou, há dois meses, um espaço vizinho, onde é possível provar costela, picanha, cordeiro, bife ancho, dentre outras opções, sempre grelhados na hora. A Talho Pronto serve ainda cervejas artesanais e acompanhamentos, como saladas e legumes.


VAI VIAJAR? PROGRAME SUA VIDA COM

BISALAX

®

O LAXANTE DE AÇÃO PREVISÍVEL

s 6 a 12 hora e d o ã ç a a Início d estão após a ing

BISALAX (bisacodil) – Indicado nos casos de prisão de ventre. MS 1.0497.1168. Ref.: Bula do Produto. Mai/15

BISALAX CONTÉM BISACODIL. NÃO USE ESTE MEDICAMENTO EM CASO DE DOENÇAS INTESTINAIS GRAVES. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO

www.uniaoquimica.com.br SAC 0800 11 15 59


HI GHL IGHT S | O Q U A R T O

A mais

desejada In high demand

Na pousada Ronco do Bugio, instalada em uma área de 12 alqueires de Mata Atlântica localizada na tranquila Piedade, a 130km de São Paulo, só uma coisa tira o sono dos hóspedes: a suíte 14. O mais recente quarto do espaço, inaugurado no ano passado, tem sido disputado pelos habitués da hospedagem, encantados com o aconchego de seus 130 metros quadrados decorados com inspiração nos lofts nova-iorquinos. Bem diferente das outras suítes, cujas características são mais rústicas, a 14 começou a ser planejada quando os proprietários encontraram uma significativa quantidade de material de demolição – o projeto da pousada prioriza tudo o que é sustentável. “Meus pais acharam em Piedade mesmo portas e janelas muito bonitas. Um marceneiro se encarregou da restauração e o resultado ficou lindo”, conta Gabriela Majolo, fi lha do casal que idealizou o local, inaugurado 11 anos atrás. Depois de pronta a estrutura, a família saiu em busca de itens para decorar o quarto. Assim como os lofts de Nova York dos anos 1980, em que

064 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

COM UMA FÓRMULA QUE COMBINA MUITO VERDE, CONFORTO E DECORAÇÃO MODERNO-SUSTENTÁVEL, A SUÍTE 14 SE TORNOU A QUERIDINHA DA POUSADA RONCO DO BUGIO, NO INTERIOR DE SÃO PAULO WITH A FORMULA THAT COMBINES A LOT OF GREEN, COMFORT, AND MODERN-SUSTAINABLE DECOR, SUITE 14 HAS BECOME THE ROOM OF CHOICE AT THE RONCO DO BUGIO B&B, IN SÃO PAULO Por/By MARINA AZAREDO

peças descoladas se uniam a grafites e móveis de segunda mão, o aposento tem artigos de origens diversas, mas que gozam de uma surpreendente harmonia entre si. De uma cômoda feita de material de demolição a um patinete garimpado em um brechó paulistano, passando por uma série de seis quadros da artista plástica Maria Carol Ávila, quase tudo ali tem uma história. A exceção é a convidativa banheira em estilo vitoriano que imediatamente chama a atenção de quem entra na suíte. “Como as antigas não são tão confortáveis e nós precisávamos de uma tubulação especial, pelo fato de estarmos no meio do mato, optamos por adquirir uma nova”, explica Gabriela. A decisão se mostra acertada: uma vez dentro da banheira é bastante difícil criar coragem para deixá-la. A suíte conta ainda com lareira a álcool – sem a necessidade de usar lenha –, aquecedor, máquina de café espresso, enxoval com fios egípcios, amenities L'Occitane e aparelho de CD e DVD. Mordomias na medida para se aproveitar a estação fria e deixar qualquer preocupação do lado de fora.


Na página anterior, o ambiente da suíte 14. Aqui, detalhes de sua decoração e, abaixo, a mata que circunda o aposento Previous page: the ambience of suite 14. This page: details of its decoration; and, below: the woodlands that surround the room

TRATAMENTO VIP VIP TREATMENT

Quitutes de origem | O café da manhã é

servido até as 16h e conta com produtos locais: favos de mel, pães, queijos, bolos, iogurte, sucos de frutas e outras delícias

Local delicacies | Breakfast is served until 4pm

and features local products: honeycomb, rolls, cheeses, pastries, yogurt, fruit juices and other treats

FOTOS: RODRIGO ERIB/DIV. (EX TERNA E DETALHE); DIVULGAÇÃO

Cozinha consciente | A proposta do restaurante da pousada – aberto a não hóspedes, mediante reserva – é aliar técnicas contemporâneas e produtos frescos, vindos de hortas e sítios da região. O resultado primoroso pode ser apreciado em pratos como o ossobuco tradicional e o tagliatelli primavera Conscientious cuisine | The purpose of the b&b’s restaurant – open to non-guests, through reservation – is to combine contemporary techniques and fresh products coming from family farms and vegetable gardens in the region. The exquisite result can be enjoyed in dishes such as the ossobuco tradicional and the tagliatelli primavera

Fauna | O nome da pousada faz alusão ao

ruído dos macacos bugios que habitam a região e podem ser vistos no alto das árvores

Wildlife | The name of the b&b refers to the sound of howler monkeys (called bugios in Portuguese) that inhabit the region and can be seen in the treetops

At Ronco do Bugio, a b&b located on an area of roughly 12 acres of Atlantic Forest, in the quiet town of Piedade (130km from the city of São Paulo), only one thing keeps guests awake: suite 14. The property’s most recently added room, which was completed last year, has been highly sought after by regular guests, delighted by the warmth of this 130-square-meter suite, whose decoration was inspired by New York City lofts. Quite different from the other rooms, whose characteristics are more rustic, suite 14 began to be planned when the owners came across a significant amount of demolition material – the b&b’s design prioritizes all that is sustainable. “Right here in Piedade, my parents found some really lovely doors and windows. A woodworker took charge of the restoration, and the result was beautiful,” says Gabriela Majolo, daughter of the couple who conceived Ronco do Bugio, which opened for business 11 years ago. Once the structure was ready, the family went searching for items to decorate the room. As with New York lofts of the 1980s, where ad hoc pieces were combined with graffiti and second-hand furniture, the room has articles from diverse backgrounds, but

Ronco do Bugio

Est. PDD, 128, Bairro dos Pires, Piedade, São Paulo. Entre R$625 e R$1.124 15 3299 8600 RONCODOBUGIO.COM.BR

that enjoy a surprising harmony with one another. From a dresser made from demolition material to a scooter picked at a São Paulo thrift store, to a series of six paintings by artist Carol Maria Ávila, almost everything here has a story. One exception is the inviting Victorian style bathtub that immediately catches the eye of anyone entering the suite. “Since antique tubs are not so comfortable, and we needed special piping, because we are in the middle of the woods, we decided to purchase a new one,” explains Gabriela. The decision has proved to be spot-on: once inside the tub, it’s quite difficult to summon up the courage to get out. The suite also features an alcohol-burning fireplace – with no need to use firewood – plus a heater, a capsule coffee machine, Egyptian bed linens, L'Occitane amenities, and a CD/DVD player. All the right perks to take advantage of the cold season and to leave your worries outside.

065


HI GHL IGHT S | 5 P E R G U N T A S

A diretora Anna Muylaert (à esquerda) e três cenas de seu longa Que Horas Ela Volta? Director Anna Muylaert (left); and three scenes from her feature film The Second Mother

PATRÃO-EMPREGADO EM QUE HORAS ELA VOLTA?,

da cozinha

Antes mesmo de sua estreia nacional, Que Horas Ela Volta? já é um sucesso. O longa mais recente da paulistana Anna Muylaert – ela assina o roteiro e a direção – ganhou prêmios, como o de melhor fi lme na Mostra Panorama do Festival de Berlim, e conquistou seu espaço em salas de 70 cidades da Itália e 90 da França. O drama, que narra a rotina de Val (Regina Casé), uma nordestina que abdica da criação de sua fi lha, Jéssica (Camila Márdila), para trabalhar como babá em São Paulo, vai fundo na questão da desigualdade de classes, uma realidade ainda tão presente no Brasil. Aqui, a diretora dá mais detalhes da produção, que entra em cartaz no País no dia 26 deste mês.

066 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

A DIRETORA ANNA MUYLAERT EXPLORA O PARADOXO FILME QUE FALA DO BRASIL ATUAL E ESTREIA ESTE MÊS DIRECTOR ANNA MUYLAERT EXPLORES THE BOSS-EMPLOYEE PARADOX IN QUE HORAS ELA VOLTA? (RELEASED IN ENGLISH AS “THE SECOND MOTHER”), A FILM ABOUT TODAY’S BRAZIL, WHICH PREMIERES THIS MONTH Por/By BRUNA TIUSSU

Even before its debut in Brazil, Que Horas Ela Volta? (releases in English as "The Second Mother") is already a hit. The latest picture by São Paulo-based filmmaker Anna Muylaert (who wrote and directed the movie) has won awards such as Best Film in the Panorama section of the Berlin Film Festival, and made a name for itself at movie theaters in 70 cities in Italy and 90 in France. The drama, which recounts the story of Val (played by Regina Casé), a woman from the Northeast of Brazil who gives up raising her daughter Jessica (Camila Márdila) in order to work as a nanny in São Paulo, delves into the issue of class inequality, a reality still glaringly present in Brazil. Here, the director gives more details about the production, which hits theaters in Brazil on the 26th of this month.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

O mundo visto

The world seen from the kitchen


Que Horas Ela Volta? Estreia no dia 26 de agosto

4 3 5 1 2

De onde veio a ideia do filme? Comecei a escrever o roteiro há 20 anos, depois que eu tive meu primeiro filho. Diante de todo o aspecto sagrado da maternidade, eu me atentei também para a figura da babá, tão presente em meu círculo social, e que abriga uma série de paradoxos culturais, sociais e afetivos enraizados em nosso País.

Where did the idea for the film come from? I started writing the script 20 years ago, after I had my first child. In the face of all the sacredness of motherhood, I became mindful of the figure of the nanny as well, so strongly present in my social circle, and who shelters a number of cultural, social and emotional paradoxes, deeply rooted in our Country.

Como se deu a escolha do elenco? Pensei de cara na Regina para interpretar a Val. Além de ser uma atriz fascinante, ela tem o físico ideal, representa uma mistura de raças que é muito o Brasil. Já a Camila passou nos testes, mas a princípio eu a achava muito branca, queria um tipo mais nordestino. Depois fui conquistada pela sua seriedade e por sua postura firme.

How was the cast chosen? I immediately thought of Regina to play Val. Besides being a fascinating actress, she has the ideal physical traits; she represents a mixture of races, which is so Brazil. Camila, on the other hand, passed the auditions, but at first I thought she was too light-skinned; I wanted a more northeastern type. Then she won me over with her serious demeanor and firm stance.

Seu filme dialoga diretamente com Casa Grande, de Fellipe Barbosa. O que pensou quando viu o longa? Na hora falei: Meu Deus, o cara fez meu filme! Mas, olhando com calma, vejo que os dois começam parecidos, falam sobre a desigualdade de classes, mas se desenrolam de formas bem diferentes. O Casa Grande segue a ótica do menino rico que se rebela. O Que Horas... explora o ponto de vista da cozinha, a realidade da empregada/babá.

Your film dialogues directly with Casa Grande, by Fellipe Barbosa. What did you think when you saw that film? At the time, I said: Oh my God, the guy made my movie! But, watching it calmly, I see that both start out similarly, depicting class inequality, but the stories unfold quite differently. Casa Grande follows the perspective of a rich boy who rebels. Que Horas... explores the viewpoint ‘from the kitchen,’ the reality of the housekeeper/nanny.

Como o título tem sido recebido lá fora e qual sua expectativa para a estreia aqui? No começo estava chateada de lançá-lo na Europa primeiro. Mas hoje acredito que vai ser bom ter um lastro lá fora quando estrear no Brasil. Porque no exterior ele é visto como um filme feliz, a questão da emancipação agrada. Aqui pode causar certo constrangimento, principalmente na elite. Acho que o tema não é assim tão simpático. How has the film been received overseas, and what are your expectations for the premiere here in Brazil? In the beginning I was upset that it was being released first in Europe. But today I believe it’ll be good to have the ballast from its international screenings when it opens in Brazil. Because in other countries, it’s seen as a happy film, the issue of emancipation is pleasing. Here it may cause a bit of awkwardness, especially with the elite. I think the issue is not so nice.

Está mais fácil fazer cinema hoje no Brasil? Eu vejo que há muito mais dinheiro colocado no setor, mas pulverizadamente: um pouquinho para cada produção. Então ainda é muito complicado angariar os recursos necessários. O Que Horas... foi o mais difícil de todos os meus filmes, ficou um tempo parado, com dívidas. E o fato de ter a Regina no elenco complicou. As pessoas achavam que por ela estar envolvida, a gente já tinha dinheiro. Is it easier to make movies in Brazil today? I see that there’s more money invested in the sector, but thinly scattered: very little for each production. So it's still really hard to raise the necessary funds. Que Horas... was the most difficult of all my films; we even had to shut down production for a while, because of debts. And having Regina in the cast just complicated things; people thought we already had money just because she was involved.

067


HI GHLIGHT S | T A K E 5

Beauty as far as the eye can see

Beleza a perder

de vista

LINDAS PRAIAS, SKYLINE IMPONENTE OU NATUREZA EXUBERANTE. CONFIRA CINCO RESTAURANTES QUE, ALÉM DA COZINHA, TÊM EM SUAS PANORÂMICAS GRANDES ALIADAS PARA CONQUISTAR A CLIENTELA BEAUTIFUL BEACHES, A TOWERING SKYLINE, AND LUSH NATURE. CHECK OUT FIVE RESTAURANTS THAT, ASIDE FROM THE COOKING, OFFER AMAZING VIEWS TO WIN OVER CUSTOMERS Por/By LUIZA VIEIRA

Aprazível

RIO DE JANEIRO (RJ)

O pano de fundo do restaurante, um dos mais famosos de Santa Teresa, é a linda combinação da Baía de Guanabara com o Centro Antigo da cidade. À noite, o charme se completa com luzes de velas.

The backdrop of this restaurant, one of the most famous in Santa Teresa, is the beautiful combination of Guanabara Bay with the old downtown region. In the evening, the charm is completed with candle light.

Mergulhão

Terrazza 40

FERNANDO DE NORONHA (PE)

O décor rústico-moderno combina perfeitamente com a paisagem externa: de frente para a Praia do Porto, o restaurante tem uma panorâmica excepcional da Baía de Santo Antônio, com o Morro do Pico de um lado e pequenas ilhas do outro. The rustic-modern decor perfectly matches the outdoor landscape: the beachfront restaurant at Praia do Porto offers an exceptional panoramic view of Santo Antônio Bay, with Morro do Pico on one side and several small islands on the other. 81 3619 0215

CURITIBA, PR

Skye

SÃO PAULO (SP)

Instalado no rooftop do icônico Hotel Unique, tem ambiente moderno e cardápio cosmopolita. Mas o grande trunfo é mesmo a bela vista do Parque Ibirapuera e a piscina convidativa que ocupa o terraço. Installed on the rooftop of the iconic Hotel Unique, it features a modern ambience and cosmopolitan menu. But it greatest asset is truly the beautiful view of Ibirapuera Park and the inviting pool on the terrace.

MERGULHAONORONHA.COM

068 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

11 3055 4702

SKYE.COM.BR

APRAZIVEL.COM.BR

Um elevador panorâmico leva até a cobertura do edifício onde está a casa e dá o tom do que se pode esperar lá de cima: a vista contempla o Parque Barigui e o bairro Santa Felicidade. No cardápio, pratos italianos e uruguaios figuram como os carros-chefes.

A panoramic elevator leads up to the rooftop restaurant and sets the tone of what to expect from up there: the view includes Barigui Park and the Santa Felicidade neighborhood. On the menu, Italian and Uruguayan options are among its flagship dishes.

Seaspice

MIAMI, FL (EUA)

41 3014 0141 TERRAZZA40.COM

Às margens do Miami River, é concorrido sobretudo nas tardes de domingo, quando os habitués atracam suas embarcações nas docas. O ambiente, a panorâmica da baía e a pista de dança completam a atmosfera.

On the banks of the Miami River, it is especially popular on Sunday afternoons, when the regulars park their boats at the docks. The ambiance, the panoramic view of the bay and the dance floor all round out the setting. 1 305 440 4200

SEASPICEMIAMI.COM

FOTOS: ERIK BARROS/DIV. (APRA ZÍVEL); GUILHERME ALVES/DIV. ( TERRA ZZ A 40); BRUNO FRONTINO/DIV. (SEASPICE); NELSON KON/DIV. (SK YE); DIVULGAÇÃO

21 2508 9174


HIGHLIGHT S | V I T R I N E

Ócio criativo

Creative idleness

QUEM DISSE QUE AMBIENTE DE TRABALHO TEM DE SER SEM GRAÇA? CONFIRA PRODUTOS QUE, ALÉM DE FUNCIONAIS, DÃO UM CHARME AO ESCRITÓRIO E ATÉ ESTIMULAM A IMAGINAÇÃO WHO SAID THAT THE WORKPLACE HAS TO BE DULL? CHECK OUT PRODUCTS THAT, BESIDES FUNCTIONAL, BESTOW CHARM TO THE OFFICE AND EVEN AROUSE THE IMAGINATION

De acrílico, o porta-clipes da Amma possui um imã estrategicamente posicionado na cabeça do boneco. R$72

Made of acrylic, the Amma paperclip holder has a magnet strategically positioned on the figure’s head. R$72 AMMASTORE.COM.BR

Edição/Editing THAIS LUTTI Produção/Production CAMILA NARDI

A luminária da Imaginarium imita um pin de recados. Sua base de cortiça permite grudar lembretes. R$299,90

The Imaginarium lamp mimics a pushpin. Its cork base allows you to stick reminders. R$299.90

A Intelbras conciliou tecnologia e design na concepção do telefone wireless, cuja agenda grava até 100 contatos. R$463

Intelbras reconciled technology and design by creating the wireless phone, whose agenda holds up to 100 contacts. R$463 INTELBRAS.COM.BR

A lousa de madeira ajuda a organizar os compromissos da semana e tem ganchos para pendurar bolsas. Da Coisas da Doris. R$550 The wooden blackboard helps organize the week’s appointments, and has hooks to hang bags. By Coisas da Doris. R$550 COISASDADORIS.COM.BR

070 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

FOTOS: DIVULGAÇÃO

IMAGINARIUM.COM.BR


Canetas, blocos e clipes têm lugar garantido no porta-trecos da Printas, que dá um toque descontraído à mesa. R$48 Pens, notepads and paper clips have a guaranteed place in the Printas trinket holder, giving a touch of fun to your desk. R$48 PRINTAS.COM.BR

Divertido, o bloquinho da Uatt conta com 50 folhas autoadesivas no tamanho 6,6cm x 7,5cm. R$19,90

This amusing note pad, by Uatt, has 50 self-adhesive sheets measuring 6.6cm X 7.5cm each. R$19.90 UATT.COM.BR

Da Tok&Stok, o ventilador portátil funciona a pilha, vem com compartimento para água e botão para borrifá-la. R$29,90

O porta-cartão Cachorro Rex, da Maria Pia, é decorativo e superútil – tem 12cm de altura. R$82 The Cachorro Rex business card holder, by Maria Pia, is decorative and useful – 12cm tall. R$82

From Tok Stok, the portable fan runs on batteries, and comes with a compartment for water plus a button to spray it. R$29.90

MARIAPIACASA.COM.BR

TOKSTOK.COM.BR

Com filtro permanente e fácil de limpar, a cafeteira Aqua kMix da Kenwood prepara seis xícaras por vez. R$499 With a permanent and easy-to-clean filter, Aqua kMix coffee maker, by Kenwood, makes up to six cups at a time. R$499

KENWOODWORLD.COM.BR

Com duas repartições e alça ajustável, a lunch pot da Bento acomoda bem comidinhas, frutas e petiscos. R$165

With two compartments and an adjustable strap, the Bento lunch pot accommodates fruits, finger foods and other snacks. R$165 BENTOSTORE.COM.BR

071


HIGHL IGHT S | O L H A R A Z U L

@marcelahj RJ Descansar no Rio de Janeiro? Não dá, né? Passeio de bike já! Rest in Rio? Impossible, right? Bike ride, now!

@rabbit_nikon ES Um belo pôr do sol no Morro Mestre Álvaro, no município de Serra A beautiful sunset at Morro Mastre Álvaro, in the town of Serra

Snapshots

Instantâneos CONFIRA AQUI ALGUNS DOS MELHORES CLIQUES FEITOS PELOS CLIENTES AZUL CHECK OUT SOME OF THE BEST PHOTOS TAKEN BY AZUL CUSTOMERS

@nicesacht ES A típica paisagem do Norte capixaba. Vale a pena conhecer esta beleza The typical landscape of northern Espirito Santo. It’s worthwhile to behold such beauty

@juliesodre RS Guarda-chuvas para colorir e dar mais charme à cidade de Canela Umbrellas to color and make the city of Canela even more charming

072 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

@lfpuntel RJ Cabo Frio: sempre bom passar um tempo contemplando o mar Cabo Frio: always nice to spend time pondering the sea


Se você quer passar mais tempo com a família,

a gentese encontra aqui.

@thiagolemosfer MG Um lindo entardecer de outono na Serra de São José, em Tiradentes A beautiful autumn sunset in Serra de São José, in Tiradentes

@cacatalao RJ Eu ando pelo mundo / Prestando atenção em cores / Que eu não sei o nome I walk through this world / Paying attention to colors / whose name I don’t know OLHAR

azul Quer ver sua foto na próxima edição da revista? Use a hashtag #azulmagazine no Instagram

@camilabreum MG Alegria e diversão com os Minions no avião da Azul Fun and joy with the Minions on an Azul jetliner

Do you want to see your photo in the next edition of the magazine? Use the hashtag #azulmagazine in Instagram

Nos fins de semana, a Intercity Hotels oferece desconto de 50% nas diárias do segundo apartamento para você curtir com toda a família. Crianças de até 7 anos FREE.* * Acomodada na cama dos pais.

Informações e reservas: 0300 210 7700 ou pelo e-mail reservas@intercityhoteis.com.br

intercityhoteis.com.br


HI GHL IGHT S

COLUNA Mário Magalhães

Eles também ouviram não They were also told “no”

T

o my knowledge, with the exception of masochists, no one likes to hear “no.” Among those who hear no, there are those who throw in the towel, and those who stay in the ring. I discovered an antidote to get off the ropes and not give in when they refuse to say yes: think of how many good people who were able to turn a negation into a stimulus. The only player to play in three FIFA World Cup finals was Cafu. At the time he was starting out in his career, though, the future captain of the Brazilian national team failed to make the cut in no less than nine try-outs. Four such occasions took place when trying out for São Paulo, the club that later opened its doors to him and where Cafu established himself as a top-notch player. If Truman Capote gave up after he was denied the coveted Guggenheim Fellowship, literature would have been denied such masterpieces as Breakfast at Tiffany’s and In Cold Blood. Patricia Cornwell had three detective novels rejected by publishers before scoring with PostMortem, the first of a collection of best-sellers. There are some definitive no’s that are not worth shedding a tear. Honoré de Balzac was black-balled at the Académie Française, for which Émile Zola also ran for a seat 24 times, unsuccessfully. The Academy Awards said no to Alfred Hitchcock, who accrued five frustrated nominations for best director – including for Rear Window and Psycho – and went home empty-handed each time, only later to win a tribute for lifetime achievement. Charles Chaplin, as well, only won the same consolation prize. Peter Lorre, Glenn Close, Albert Finney, Natalie Wood and Marcello Mastroianni never had the pleasure of receiving the statuette. In each of those cases, it was the Oscar that missed out. Domingo no Parque, Roda Viva and Travessia are songs that will live on. But none of them won the title at the song festivals in which they competed. Tive Sim, the classic by Cartola, only placed fifth at the 1968 Samba Biennial. The most painful no is that of love. I know those who insisted on requests for dating and marriage until hearing “yes.” And those who were lucky enough to hear a “no” that ended up avoiding disasters. No can be the beginning, rather than the end.

Mário Magalhães é jornalista e escritor. Recebeu 25 prêmios jornalísticos e literários. Foi ombudsman da Folha de S.Paulo. Quando criança, dizia que no futuro sua profissão seria “passageiro de avião” is a journalist and writer. He has received 25 awards in the fields of journalism and literature. He served as ombudsman for the newspaper Folha de S.Paulo. As a child, he used to say that in the future his profession would be “airplane passenger.”

074 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

RETRATO: LEO AVERSA

Q

ue eu saiba, excluindo masoquistas, ninguém gosta de ouvir não. Entre os que ouvem não, há quem jogue a toalha e quem persevere no ringue. Descobri um antídoto para sair das cordas e não se entregar quando nos recusam o sim: pensar em tanta gente boa que transformou negativas em estímulo. O único jogador a disputar três finais de Copa do Mundo foi o Cafu. No tempo em que engatinhava na carreira, no entanto, o futuro capitão da seleção amargou a reprovação em pelo menos nove peneiras. Quatro desses testes ocorreram no São Paulo, clube que mais tarde lhe abriu as portas e onde o Cafu se consagrou. Se Truman Capote desistisse depois de lhe negarem a badalada bolsa Guggenheim, a literatura teria perdido obras-primas como Bonequinha de Luxo e A Sangue Frio. Patricia Cornwell teve três romances policiais descartados por editoras antes de emplacar PostMortem, o primeiro de uma coleção de best-sellers. Existem os nãos defi nitivos que não valem uma lágrima. Honoré de Balzac foi barrado na Académie Française, para a qual Émile Zola candidatou-se 24 vezes sem sucesso. O Oscar disse não a Alfred Hitchcock, que acumulou cinco indicações frustradas para melhor diretor, inclusive por Janela Indiscreta e Psicose – foi derrotado em todas, só ganhando uma homenagem pelo conjunto da obra. A Charles Chaplin também restou apenas prêmio de consolação. Peter Lorre, Glenn Close, Albert Finney, Natalie Wood e Marcello Mastroianni não experimentaram o prazer de receber a estatueta. Em todos os casos, azar do Oscar. Domingo no Parque, Roda Viva e Travessia são músicas que sobreviverão. Mas não conquistaram o título nos festivais da canção em que concorreram. Tive, Sim, clássico do Cartola, amargou o quinto lugar na Bienal do Samba de 1968. O não mais doído é o de amor. Conheço quem insistiu em pedidos de namoro e casamento até ouvir o sim. E quem teve a sorte de escutar o não que evitou desastres. O não pode ser o começo, e não o fi m.


VAI VIAJAR? PROGRAME SUA VIDA COM

BISALAX

®

O LAXANTE DE AÇÃO PREVISÍVEL

s 6 a 12 hora e d o ã ç a a Início d estão após a ing

BISALAX (bisacodil) – Indicado nos casos de prisão de ventre. MS 1.0497.1168. Ref.: Bula do Produto. Mai/15

BISALAX CONTÉM BISACODIL. NÃO USE ESTE MEDICAMENTO EM CASO DE DOENÇAS INTESTINAIS GRAVES. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO

www.uniaoquimica.com.br SAC 0800 11 15 59


HI GHL IGHT S

COLUNA Mara Salles

Mão na massa! Hands-on!

B

razil has lost its poise, the World Cup, and confi dence in its politicians. On the horizon, there’s no prospect of growth other than the prospect that the woes will continue. For optimists, like myself, the old adage serves at least to reflect on the least worst side of the crisis. Ordinary people learning to do math, engaged in assuring their jobs, consuming water and energy consciously, becoming indignant with political shenanigans and putting their feet firmly on the ground. Speaking of my livelihood, at a recent culinary award ceremony, I ran across several friends of mine who are chefs and restaurateurs, with frank and rare discourse: “I’m taking better care of my restaurant, my customers. This is indeed the award we need today.” “I’ve completely changed the concept of my business. I’ve gotten rid of excesses, linen tablecloths, and put in a large counter, with a scaled-down, inexpensive and unpretentious menu”. “I’ll open up a bistro, I want to really cook, to make the things I like.” In that environment, so conducive to the exercise of egos, there was a certain depletion. It was as if these people – so well dressed, with a glass of wine in hand (and who are really hard-working, contrary to popular belief) – had already experienced their moment of fame and were now eager to return to the warmth of their kitchens. Our peculiar trait of reinventing ourselves, at least in gastronomy, tests an interesting path that may reduce distortions, such as the surplus of chefs, patissiers, sommeliers and baristas, and the shortage of bakers, butchers, waiters, fishmongers and cooks. People aren’t going to stop buying bread, going out to eat, going to the market. But when money is tight, one must choose the best bread, the best-made food, the coldest beer, the friendliest service, and the products that live up to the price of the bill.

Mara Salles é chef do restaurante Tordesilhas, em São Paulo is the chef of the restaurant Tordesilhas, in São Paulo

076 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

RETRATO: DIVULGAÇÃO

O

Brasil perdeu a pose, a Copa do Mundo e a confiança nos seus governantes. No horizonte não há nenhuma perspectiva de crescimento senão aquela de que a dor faz crescer. Para os otimistas, como eu, o velho ditado serve ao menos para refletir sobre o lado menos pior da crise. Pessoas comuns aprendendo a fazer contas, empenhadas em garantir seus empregos, consumindo água e energia de forma consciente, indignando-se com falcatruas e colocando os pés no chão. Falando da minha praia, dia desses, numa festa de premiação da gastronomia, encontrei vários amigos chefs e donos de restaurantes com discursos francos e raros: “Estou cuidando mais da minha casa, do meu cliente. Este sim é o prêmio que precisamos hoje”. “Mudei totalmente o conceito do meu negócio. Tirei excessos, toalhas de pano e fiz um grande balcão, com um cardápio enxuto, barato e despretensioso”. “Vou abrir uma portinha, quero cozinhar de verdade, fazer as coisas de que gosto.” Naquele ambiente tão propício ao exercício dos egos, havia certo esgotamento. Era como se aquela gente bem vestida, com taça de vinho na mão (e que rala muito, ao contrário do que se pensa), já tivesse experimentado o seu minuto de fama e agora estivesse desejosa de voltar para o aconchego de sua cozinha. Nosso tão peculiar traço de se reinventar, ao menos na gastronomia, ensaia um caminho interessante, que pode diminuir distorções, como a infl ação de chefs, patissiers, sommeliers e baristas e a escassez de padeiros, açougueiros, garçons, peixeiros e cozinheiros. As pessoas não vão parar de comprar pão, de frequentar restaurantes, de ir ao mercado. Mas, quando o dinheiro está contado, há que se escolher o melhor pão, a comida mais bem feita, a cerveja mais gelada, o serviço mais simpático e os produtos que honrem o valor da conta.


HI GHL IGHT S

COLUNA Denise Campos de Toledo

Os efeitos da política econômica Effects of the economic policy

W

hen will it get better? This has been a common question among Brazilians when talking about the economy. And for good reason. We’ve experienced a very rapid deterioration, which has brought difficulties in managing not only personal finances but businesses as well. To a greater or lesser extent, no one can escape from the current crisis situation. Yes, crisis. No other term can be used. The list of problems is huge. Inflation, sky-high interest rates, and rising unemployment. Austerity measures – which may lay the groundwork for resuming economic growth – collaborate toward an even more negative situation. The government had to promote tax hikes to make up for lags such as those in the energy and fuel sectors. It cut investments and increased the tax burden to meet its fiscal target. Or at least to assure a more positive balance, which improves the Nation’s credibility and avoids a drop in our risk assessment by international agencies. It’s hard to accept the effects of correcting the distortions caused by a misguided economic policy, adopted some time ago by the government, which sought to ensure growth only by stimulating consumption, without taking greater care with production, infrastructure and fiscal balance. The consequences came intensely: low competitive capacity of domestic production, weakening industry, and enormous expenditures of public finances. There has been a heavy bill to pay, which helped to establish a most unfavorable political environment, with a historic drop in popularity of the Rousseff administration, government initiatives being struck down by Congress, and accusations of corruption. The governability of Brazil is at stake. Now less confident, consumers and the business community are curbing their spending, which may make it even harder for the economy to react. This discouragement ultimately affects the making of decisions that could minimize the effects of this whole crisis. Pay attention. In order not to drown, it’s often necessary to swim against the tide.

Denise Campos de Toledo é jornalista especializada em economia, comentarista da Rádio Jovem Pan e da TV Gazeta, além de palestrante, escritora e editora do site economiaemfoco.com.br is a journalist specializing in economics, as well as commentator for Jovem Pan Radio and TV Gazeta, lecturer, writer and editor of the site economiaemfoco.com.br

078 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

RETRATO: ROBERTO SEBA

Q

uando vai melhorar? Esta tem sido uma pergunta comum entre os brasileiros ao se falar sobre economia. E não é para menos. Tivemos uma deterioração muito rápida, o que trouxe dificuldades na gestão das fi nanças pessoais e na administração das empresas. Com maior ou menor intensidade, ninguém escapa da atual situação de crise. Sim, crise. Não dá para usar outra expressão. A relação de problemas é enorme. Inflação, juros nas alturas e desemprego avançando. Os ajustes, que podem estabelecer a base para a retomada do crescimento, colaboram para um quadro mais negativo. O governo teve de promover o tarifaço para acertar defasagens como as da energia e do combustível. Cortou investimentos e aumentou a carga de impostos para cumprir a meta fiscal. Ou pelo menos para assegurar um saldo mais positivo, que melhore a credibilidade do País e evite uma queda da avaliação de risco pelas agências internacionais. Difícil aceitar os efeitos da correção de distorções provocadas por uma política econômica equivocada, adotada lá atrás pelo governo, que buscou garantir o crescimento apenas com o estímulo ao consumo, sem um cuidado maior com produção, infraestrutura e equilíbrio fi scal. As consequências vieram de forma intensa: baixa capacidade de concorrência do produto nacional, enfraquecimento da indústria e um imenso rombo nas fi nanças públicas. A conta veio muito pesada e ajudou a estabelecer um ambiente político dos mais desfavoráveis, com queda histórica de popularidade do governo, derrotas no Congresso e denúncias de corrupção. A governabilidade está em jogo. Menos confiantes, consumidores e empresários ficam com o freio de mão puxado, o que pode dificultar ainda mais uma reação da economia. O desalento acaba afetando a tomada de decisões que poderia minimizar os efeitos de toda esta crise. Preste atenção nisso. Para não se afogar, muitas vezes, é preciso nadar contra a maré.


destinos

86 Bonito

Uma cidade privilegiada pela natureza A city privileged by nature

98 Serra Gaúcha

Um tour pelas vinícolas do interior do RS A tour through the wine country of Rio Grande do Sul

108 Brotas

Atividades cheias de adrenalina Adrenaline-filled activities

FOTOS: TOM ALVES (BONITO); GUI GOMES (SERRA GAÚCHA)

86

98


D EST INOS | B O N I T O

Ă guas

poderosas Por/By LUIZA VIEIRA Fotos/Photos TOM ALVES

086 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Mighty waters


Com tons que variam do azul-turquesa ao verde-esmeralda e fauna abundante, os rios e as lagoas são os grandes trunfos de Bonito. Somam-se a eles as cachoeiras, as cavernas e a vegetação pantaneira e eis um cenário singular With hues ranging from turquoise-blue to emerald-green, and abundant in wildlife, the rivers and lakes are the greatest assets of Bonito. Add in the waterfalls, caves and pantanal vegetation, and you have a unique setting

R

eza a lenda que na década de 40 um curandeiro conhecido como Sinhozinho vivia pelas bandas de Bonito. Era procurado por todo o tipo de gente para dar jeito nas mazelas mais diversas, usando apenas água e cinzas. Seu poder sobrenatural despertou a ira de fazendeiros céticos e farmacêuticos, que trataram de dar um fi m àquela figura mítica. E, para garantir que ele não fi zesse milagre a si mesmo, dividiram seu corpo em pedacinhos e os jogaram nos rios da região – ato que fez com que suas águas adquirissem, em seguida, um brilho todo especial. Diante do Rio Formoso, do Rio da Prata ou do Rio Sucuri, parece mesmo que tamanha transparência só pode ser justificada pelo sobrenatural. Assim como a beleza de outras atrações que fazem de Bonito um destino tão puro e singular. A 260km da capital Campo Grande e situada aos pés da Serra da Boquedona, a cidade foi moldada pelo tempo, caprichoso ao esculpir com perfeição as pedras calcárias de seu subsolo, de onde brotam belas nascentes, lares de piraputangas, dourados, pacus, entre outras espécies.

L Gruta do Lago Azul, cuja coloração é resultado do reflexo da luz do sol em sua superfície Gruta do Lago Azul, whose color comes from the sunshine reflecting off its surface

egend has it that in the 1940s, a healer known as Sinhozinho lived somewhere around Bonito. He was sought by all kinds of people to get rid of a wide range of ailments, using only water and ashes. His supernatural power aroused the wrath of skeptic farmers and pharmacists, who took it upon themselves to do away with this mythical figure. And to make sure he didn’t make a miracle of himself, they divided his body into pieces and threw them in the rivers around the region – an act that made the waters of these rivers take on a very special shine. Standing before rivers like Rio Formoso, Rio da Prata or Rio Sucuri, it actually seems that such transparency can only be justified by the supernatural. As it is with the beauty of other attractions that make Bonito such a pure and unique destination. Located 260 km from the state capital, Campo Grande, at the foot hills of Serra da Boquedona, the city has been shaped by time, whimsical in perfectly sculpting the limestone of its subsoil, where beautiful springs give rise to streams and rivers, home to fish species with exotic-sounding names like piraputanga, dourado, pacu, and many others.

087


D ES T INOS | B O N I T O

Aqui, uma arara-vermelha, espécie endêmica da região. Na página ao lado, no alto, um cardume de piraputangas e a Lagoa Misteriosa; no centro, a flutuação no Rio Sucuri; e, abaixo, visitante tirando uma selfie na escadaria da Gruta do Lago Azul Here, a red macaw, an endemic species of the region. Next page, top: a shoal of piraputanga fish and Lagoa Misteriosa; center: floating on Rio Sucuri; below: a visitor taking a selfie on the stairway at Gruta do Lago Azul

É justamente dentro d’água, na companhia dos peixes, que o turista deve começar a experimentar Bonito. Na flutuação, atividade mais famosa dali, basta se deixar levar pela correnteza do rio tendo como cenário a paisagem subaquática. A escolha do local a ser explorado pode ser feita de acordo com o que se quer admirar ou com o tempo que se tem para o passeio: o Rio da Prata é o mais carregado de peixes, o percurso no Sucuri é menor e a Nascente Azul tem como grande diferencial a sua tonalidade, que mais parece efeito de photoshop. A lista de águas surpreendentemente límpidas vai além. Dentre as top five estão as da Lagoa Misteriosa, um paraíso para mergulhadores. Iniciantes podem ficar na dobradinha máscara e snorkel ou podem investir no batismo, que permite descer até oito metros. Praticantes certificados são os únicos autorizados a ir além,

088 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

mas até hoje nenhum deles chegou ao fundo de sua caverna subterrânea – o máximo alcançado foram 240 metros de profundidade. O tom da Lagoa Misteriosa é de um azul cintilante que só perde no quesito surpresa para as águas da Gruta do Lago Azul. O reflexo da luz do sol na superfície explica a coloração única, que faz a atração ser o alvo mais procurado por câmeras e celulares. A cada lance de escada – é preciso descer 300 degraus para se chegar até a caverna –, uma selfie atrapalha o fl uxo dos turistas. “Faz parte. Uma vez um visitante implicou comigo, disse que eu deveria parar de dar informações técnicas porque o pessoal só quer tirar foto”, lembra, com ar de pesar, o guia Michel. Melhor abstrair o inconveniente e achar um cantinho para contemplar o lugar (nadar ali é proibido), cujas estalagmites e estalactites conferem um ar pré-histórico.


FOTO: ADRIANO FAGUNDES

It is precisely in the water, the company of the fishes, that tourists should begin to get a taste of Bonito. In the activity known simply as “floating,” one of the most popular there, one can simply get carried downstream by the river current, against the backdrop of the underwater landscape. The choice of location to be exploited can be made according to what you want to admire: Rio da Prata has the most fish; the trip on Rio Sucuri is shorter; and Nascente Azul features its amazing hue that looks as if it were Photoshopped. The list of surprisingly clear waters goes beyond these rivers. Among five sites with the most cristilline water is Lagoa Misteriosa, a paradise for divers. Beginners can stick with a mask and snorkel, or can invest in the ‘baptism’ dive, which allows them to reach depths of around eight meters. Certified divers are the only ones allowed to go any farther down, but so far none has reached the bottom of its underground cave – the deepest anyone has ever reached is 240 meters. The hue of Lagoa Misteriosa is a remarkable sparkling blue, second only to the surprise factor of the waters at Gruta do Lago Azul. The reflection of sunlight on the surface explains the unique coloring, which makes this sight the most sought-after target of cameras and cell phones. On pretty much every flight of the stairway – you have to climb down 300 steps to get to the cave – there’s a selfie being taken, slowing down the flow of tourists. “That’s part of it. One time a visitor started ragging me; he said I should stop giving technical information because the people there just want to take pictures,” recalls a guide named Michel, with an air of lament. It’s best to abstract the inconvenience and find a nice little spot to ponder the place (swimming there is prohibited), where the stalagmites and stalactites bestow a look of prehistoric. This rudimentary atmosphere is present in other parts of Bonito that, thanks to its limestone base, makes the landscape look like Swiss cheese: it is full of

089


D ES T INOS | B O N I T O

Essa atmosfera rudimentar se faz presente em outros pontos de Bonito que, graças à sua base calcária, faz o estilo queijo suíço: é cheia de buracos, cavernas e dolinas, onde as formações rochosas se exibem em padrões variados. Alguns locais são fechados aos visitantes, outros se tornaram chamarizes do turismo dali. É o caso do Abismo Anhumas, endereço mais indicado para a prática do rapel. A atividade, cheia de normas, pode deixar o aventureiro de primeira viagem um tanto alerta. “Tem de ser assim, ‘combatente’. Segurança acima de tudo”, diz Maiko, figura tão lendária quanto o próprio abismo. Instrutor de rapel há 15 anos e um dos primeiros a ser treinado para atuar no local, Maiko – que na verdade é Valdecir Chimenes Trindade – garante todos os cuidados necessários para que a descida de 72 metros seja realizada sem sustos. Feita sempre em dupla, ela começa com uma estreita fenda. Depois de vencida, nada mais se ouve além de seus próprios ruídos. Ao chegar lá embaixo, dá-se início à próxima etapa do passeio: explorar a caverna a bordo de um bote. Na escuridão total, o grupo acompanha a lanterna que revela, a cada novo feixe de luz, cones gigantes de calcário que brotam do chão ou descem do teto. Mas o grande tesouro está mesmo sob a pequena embarcação. A água geladíssima é pouco convidativa, porém a flutuação no Anhumas é uma experiência memorável. Atrações com emoções comedidas se espalham pelas fazendas da região e são boas opções para dias mais lights. Cada complexo ganha o turista com um trunfo diferente. A Boca da Onça Ecotur oferece trilhas que levam a refrescantes cachoeiras, inclusive a mais alta de todo o Mato Grosso do Sul, com 156 metros. Durante os trajetos, siriemas, araras, pássaros e pequenos animais, como tatus, podem dar o ar da graça. Na Estância Mimosa, novos caminhos terminam em outras quedas d’água que renovam as energias. Por lá, o almoço pantaneiro se apresenta como atividade a ser incluída no roteiro: arroz carreteiro, feijão-tropeiro, mandioca frita, torta paraguaia e mais delícias saem diretamente do fogão a lenha. Para fi nalizar, doce de leite artesanal – presente também na versão para levar para casa.

090 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Na página anterior, dois animais típicos da região: a siriema e o tamanduá; e, abaixo, a Cachoeira da Boca da Onça, a mais alta do Estado. Aqui, o passeio de bote no Abismo Anhumas; e, ao lado, a descida de rapel Previous page: two typical animals of the region: a siriema and an anteater; below: Cachoeira da Boca da Onça, the highest waterfall in the state. Here: a boat ride at Abismo Anhumas; opposite: rappelling down a ravine

pits, caves and sinkholes where the rock formations exhibit a wide array of sizes and patterns. Certain sites are closed to visitors, others have become magnets for tourism there. This is the case of Abismo Anhumas, an ideal place for rappelling. The activity, with its long list of rules, can leave the first-time adventurer rather alert. “That’s how it’s got to be. Safety first,” says Maiko, a figure as legendary as the abyss itself. A rappel instructor for 15 years, and one of the first to be trained to work at the site, Maiko – whose real name is Valdecir Chimenes Trindade – takes all the necessary care so that the 72-meter descent is accomplished without a scare. Always in pairs, it starts with a narrow crevice. After tackling that first stretch, nothing more is heard other than your own noise or the guide’s breathing. Reaching the bottom, the next stage of the tour gets underway: exploring the cave aboard a boat. In total darkness, the group follows the flashlight that reveals – with each new beam of light – giant limestone cones that sprout from the ground or creep down from the ceiling. But the great treasure is actually underneath the small boat. The ice-cold water is rather uninviting, but floating at Anhumas is a memorable experience. Attractions with more restrained thrills are scattered across farms throughout the region, and are good option for days of less extreme adventure. Each complex wins over tourists with a different trump card. At Boca da Onça Ecotur, the trails lead to refreshing waterfalls, including the highest in the entire state of Mato Grosso do Sul, at 156 meters. Along the trails, bird species such as siriemas and macaws, and small mammals including armadillos and capybaras, make the hike even more entertaining. At Estância Mimosa, new trails end at other waterfalls that renew your energy. There, the typical Pantanal lunch is an activity to include on the itinerary: regional favorites such as arroz carreteiro, feijão tropeiro, mandioca frita, and torta paraguaia, and other delights are served directly from the wood-burning stove. To cap off the meal, handmade doce de leite - also available in the to-go version.

091


D ES T INOS | B O N I T O

Recentemente incluída no cardápio turístico de Bonito, a cavalgada noturna também já conquistou sua clientela. Em pleno breu, só com as estrelas brilhando no céu, o anfitrião João é quem guia o grupo no tour. “Eu sou da roça e quis que o visitante tivesse a experiência por completo”, explica ele, que recebe todos com uma dupla tocando moda de viola e arroz carreteiro preparado na hora. Tradições pantaneiras também se mantêm nos bares de Bonito, que servem os peixes da região. No Taboa ainda dá para provar a cachaça homônima, produzida na casa. A noite por lá se completa só depois que outra “atração” local dá as caras. É por volta da meianoite que Dona Margarida – figura tão lendária quanto o curandeiro Sinhozinho – chega. Maquiada, ela arrasta seu carrinho de feira com trufas de mais de 20 sabores. A de jaracatiá, feita a partir da casca dessa árvore local, é a mais requisitada. Ainda há as de castanha-de-baru, guavira e cupuaçu. Deliciosas, as guloseimas parecem até ser mais uma façanha do sobrenatural. Nada disso: “Deus me deu uma ótima ideia e uma máquina, meu marido. É ele quem faz os docinhos. Eu só vendo”, conta ela, achando graça.

092 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Acima, uma das cachoeiras da Estância Mimosa e o almoço servido na fazenda; à esquerda, Dona Margarida e suas trufas de sabores do Cerrado. Na página ao lado, uma das trilhas da Boca da Onça Ecotur e um jacaré repousando na beira do rio Above: one of the waterfalls at Estância Mimosa, and lunch served on the farm; opposite: Dona Margarida and her truffles with flavors from the Cerrado. Next page: one of the trails of Boca da Onça Ecotur, and a caiman resting on the riverbank


Recently included in Bonito’s tourism menu, the nighttime horse ride has also won over its clientele. In near pitch-black darkness, with only the stars shining in the sky, host João is the one who guides the group on the tour. “I’m from the countryside, and I wanted visitors to have the full experience,” explains João, who receives all with a double playing viola and arroz carreteiro for dinner. Pantanal traditions are also maintained at the bars in Bonito, where regional fish are the specialty of menus . In Taboa, you can still taste the namesake cachaça, which is produced in-house. Around there, the night is only complete after another local “attraction” shows up. It’s always near midnight when Dona Margarida – a figure as legendary as Sinhozinho the healer – arrives. Decked out in makeup, she drags around her cart with over 20 flavors of truffles. The jaracatiá truff le, made from the bark of this local tree species, is the most popular. Other choices of flavors include baru nut, guavira and cupuaçu. The sweets are so delicious that they seem to be yet another feat of the supernatural. Nothing of the sort: “God gave me a great idea and a machine: my husband. He’s the one who makes the sweets. I just sell ‘em,” she says with a smile.

093


D ES T INOS | B O N I T O

ONDE FICAR

ONDE COMER

PASSEIOS

Hotel de Bonito

Juanita

BonitoWay

WHERE TO STAY

WHERE TO EAT

Localizado numa rua paralela à via principal, está a poucos metros de lojas e restaurantes. Suas instalações são novas, o atendimento é ótimo e o café da manhã, bem variado. Located a block over from the town’s main street, just a few steps from shops and restaurants. Its facilities are new, the service is great, and the breakfast buffet offers a wide range of options. R. LUIZ DA COSTA LEITE, 2085, CENTRO 67 3255 6300

HOTELDEBONITO.COM.BR

Hotel Bonsai

A hospegadem tem como principais atrativos a extensa área verde, a minipista de cooper, as piscinas adulto e infantil, o espaço zen e o salão de jogos. Its main attractions include extensive green areas, a mini-jogging track, adults and kids pools, the Zen area, and a game room. R. 15 DE NOVEMBRO, 564, CENTRO 67 3255 2000

HOTELBONSAI.COM.BR

Hotel Cabanas

Às margens do Rio Formoso, oferece atividades como boia-cross, mergulho e arvorismo. Ainda conta com quartos instalados em cabanas, o que proporciona maior contato com a natureza. On the banks of Rio Formoso, offers activities such as tubing, diving, and tree climbing. It also has rooms installed in cabins that offer greater contact with nature. ROD. MS 382, KM 6, ZONA RURAL 67 3255 3013

HOTELCABANAS.COM.BR

40 03 1181

9 (DE CAMP

10x R$103 a par tir de

sem juros

094 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

R. GENERAL OSÓRIO, 865, CENTRO, BONITO 67 3255 1046

BONITOWAY.COM.BR

67 3255 1239

Casa do João

João passa de mesa em mesa para conferir se os clientes estão satisfeitos com a comida e o atendimento. Além da atenção do proprietário e os peixes deliciosos, o restaurante ganha pontos por conta de sua lojinha de artesanatos e antiguidades. João goes from table to table to ask diners if everything – from the service to the food – is all right. The eatery’s strong point, in addition to the owner’s attention to guests, is the fish. Another highlight is the little shop, which sells handcrafts and antiques.

COMO IR

HOW TO GET THERE

A Azul opera voos diretos entre o Aeroporto de Viracopos, em Campinas, e a cidade de Bonito às quartas-feiras e aos domingos. Azul operates direct flights between Viracopos Airport in Campinas, and the city of Bonito, on Wednesdays and Sundays.

Brasil

R. NELSON FELÍCIO DOS SANTOS, 664, CENTRO 67 3255 1212

CASADOJOAO.COM.BR

Estância Mimosa

O almoço é aberto ao público, mesmo que o visitante não passe o dia lá. A comida caseira inclui salada de verduras colhidas na horta orgânica, peixes, arroz carreteiro e um doce de leite “de comer rezando”. Lunch is open to the public, even if the visitor doesn’t take the tour. The food is homemade, with salad greens harvested from the organic garden, and for dessert, doce de leite that’s “to die for.” 67 8403 5213

noites, Pacote de 4 nito, no Hotel de Bo sseios com café e pa INAS)

A agência organiza os principais passeios do destino, com guias que atuam por ali há muito tempo. This inbound tourism operator organizes the destination’s main tours, with guides who have been working there for a long time.

R. NOSSA SENHORA DA PENHA, 854, CENTRO

ROD. MS 178, KM 18, ZONA RURAL

Bonito

SAÍDA EM 30/

O restaurante é um achado para quem se atreve a explorar o centrinho para além de sua via principal. A casa prepara um delicioso pacu na brasa acompanhado de pirão, batatas e brócolis. The restaurant, off the main street, is a find for those who dare to explore the ‘downtown’ area. Juanita herself prepares a delicious charbroiled pacu, served up with pirão, potatoes and broccoli.

OUTINGS

ESTANCIAMIMOSA.COM.BR

Mato Grosso do Sul CAMPO GRANDE BONITO

São Paulo

Paraná


solution

Quer simplificar a vida quando chegar ao seu destino?

A gente tรก aqui pra isso.

Alugue um carro na Localiza. Ganhe tempo, flexibilidade e toda a liberdade para escolher aonde ir, quando quiser. Sem falar na tranquilidade de contar com quem mais entende de aluguel de carros. ReseRvas 24h 0800 979 2000 www.localiza.com


DES T INOS | B O N I T O | F A Z E N D O A M A L A

An abundance of green

Verde em abundância FIQUE À VONTADE EM BONITO: PEÇAS LEVES, PROTETOR SOLAR E BIQUÍNI SÃO ITENS ESSENCIAIS PARA APROVEITAR AS CACHOEIRAS, OS RIOS CAUDALOSOS E AS TRILHAS EM MEIO À NATUREZA STAY COMFORTABLE IN BONITO: LIGHTWEIGHT GARMENTS, SUNSCREEN AND BIKINIS ARE ESSENTIAL ITEMS FOR ENJOYING THE WATERFALLS, THE RUSHING RIVERS AND THE TRAILS AMIDST NATURE Edição/Editing THAIS LUTTI Produção/Production CAMILA NARDI Foto/Photo LEO ELOY

1

4 2

5 3 6

096 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


1

7

Biquíni Farm. R$198 Farm bikini. R$198 FARMRIO.COM.BR

2 Mala American Tourister. R$199 American Tourister luggage. R$199

8

AMERICANTOURISTER.COM

3 Tênis The North Face. R$499

The North Face sneakers. R$499 THENORTHFACE.COM.BR

4 Regata Adidas. R$99,90 Adidas tank top. R$99.90 ADIDAS.COM.BR

5 Câmera PowerShot D30 Canon. R$1.799,99

Canon PowerShot D30 camera. R$1,799.99 CANON.COM.BR

6 Shorts Reserva Natural. R$120 Reserva Natural shorts. R$120 RESERVANATURAL.COM.BR

7

Casaco Blue Man. R$266 Blue Man coat. R$266 BLUEMAN.COM.BR

8 Regata Fala. R$79 Fala tank top. R$79 11 94459 8342

9 Shorts Blue Man. R$119 Blue Man shorts. R$119 BLUEMAN.COM.BR

10 Protetor solar Cenoura & Bronze. R$24 Cenoura & Bronze sunscreen. R$24

9

CENOURAEBRONZE.COM.BR

11 Nécessaire Kipling. R$219 Kipling toiletry case. R$219 KIPLING.COM.BR

12 BB cream capilar Dermage. R$59,50

11

Dermage BB hair cream. R$59.50

12

DERMAGE.COM.BR

13 Lenços umedecidos Alchemia. R$9,90 Alchemia moist towelettes. R$9.90 LOJASRENNER.COM.BR

10

AGRADECIMENTO: ARMA ZÉM PALUDET TO ( TECIDO FOLHAGEM – CÓDIGO 6453)

13 097


D ES T INOS | S E R R A G A Ú C H A

Acima, à esquerda, a Vinícola Aurora; à direita, turista na Foto à Moda Antiga; e, aqui, a mariafumaça que faz o passeio pela Serra Gaúcha Above, left: the Aurora winery; right: tourists at Foto à Moda Antiga; and here: the steam train used on the sightseeing tour of Serra Gaúcha

098 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Cosa nostra

Cosa nostra

O sotaque carregado, a polenta no cardápio e as histórias cheias de emoção deixam claro que na Serra Gaúcha todos gostam de afirmar suas raízes italianas. E também de dizer que não é preciso ir ao Velho Continente – ou ao Chile, ou à Argentina – para experimentar vinhos de qualidade The thick accent, polenta on the menu, and thrilling stories make it clear that in Serra Gaúcha, everyone likes to affirm their Italian roots, and to say that one need not go to the Old Continent – or to Chile or Argentina, for that matter – to enjoy quality wines

A

Por/By PAULO VIEIRA Fotos/Photos GUI GOMES

atriz patusca persegue com um enorme pau de macarrão o parceiro espadaúdo que se engraçou com a mais sem graça das moças do vagão. O esquete é manjadíssimo, mas ninguém economiza nas risadas, nem mesmo a turista que se viu forçada a contracenar com o duo. É manhã de sábado e a maria-fumaça está para fazer sua parada na estação de Garibaldi, na Serra Gaúcha, após ter partido, uma hora antes, da vizinha Bento Gonçalves. Já passaram pelo vagão o coral sênior da cidade e um grupo de música folclórica extraviado de um romance de Érico Verissimo. Mesmo com os dez graus de sensação térmica, todos irão descer na plataforma, encher as taças de plástico com espumante local, cantar La Bella Polenta e depois subir novamente a bordo. Por alguns minutos, certo delírio coletivo faz com que se pense que o ponto final do passeio não é o município de Carlos Barbosa, mas sim o porto de Gênova, onde outra jornada emocionante estará para começar. Se há um lugar, um único lugar no Rio Grande do Sul, onde as tradições gaúchas não se alevantam é na Serra. Ali, homens de bombacha e boleadeiras não encontram muita sombra para amarrar seus cavalos chucros. Vive-se, isto sim, a memória do fi m do século 19, quando a primeira leva de imigrantes italianos começou a ocupar a área. Mesmo as novas gerações se expressam num português carregado de sotaque indiscernível e à mesa não faltam a cantada polenta e o galeto.

T

he comic actress, armed with a huge rolling pin, chases her broad-shouldered partner who was cozying up with the homeliest girl in the train car. The skit is overly trite, but no one holds back their laughter, even the tourist who was ‘ forced’ to play along with the duo. It’s Saturday morning and the steam locomotive is about to make its stop at the Garibaldi station, in the highlands of Rio Grande do Sul known as Serra Gaúcha, after having departed from the neighboring Bento Gonçalves station 60 minutes prior. The town’s senior citizens choir has already passed through the car, as well as a folk music group that appears to have wandered astray from an Érico Verissimo novel. Even with the wind-chill factor of 10°C, everyone will get off the train, fill plastic cups with local sparkling wine, sing La Bella Polenta and then climb aboard again. For a few minutes, a certain collective delirium makes them think the last stop of the tour is not the town of Carlos Barbosa, but rather the port of Genoa, where another thrilling journey would be about to begin. If there is one place, one single place in Rio Grande do Sul where the gaúcho traditions have not gone away, it’s in the Serra. There, men donning tradition garb don’t find much shade to tie their broncos. But the memory of the late 19th century – when the first wave of Italian immigrants began to occupy the area – is alive and well. Even the new generations express themselves in Portuguese with an indiscernible accent, and there’s certainly no shortage of polenta and roast chicken at the table.

099


D ES T INOS | S E R R A G A Ú C H A

Na Itália revivida na Serra Gaúcha, bebida para celebrar é o que não falta. A região produz 85% dos vinhos brasileiros, grande parte disso pelas mãos de potentados como Miolo, Salton e Aurora, mas também pelo lavoro diário de dezenas de pequenas famílias que trabalham à moda antiga, acumulando funções. Na Cristofoli, por exemplo, a espevitada enóloga Bruna Cristofoli ajuda a servir aos visitantes a deliciosa refeição – que inclui pão e massa caseiros – preparada por sua mãe. Os homens nessa hora podem estar em negócios na cidade ou tocando uma pequena obra. É só na colheita das uvas da propriedade, no verão, que eles chamam gente de fora para ajudar na lida. Nos dias quentes, a família se junta para levar um spuntino (lanche) ao turista que desejar fi car sobre edredons entre a plantação. Com tantos parreirais trepando sobre intermináveis morros, aliás, a Serra tem lampejos de Toscana. Mas é difícil percorrer mais de cinco quilômetros sem dar com uma fábrica ou com o galpão de uma transportadora. Releve, pois, nas estradinhas da região transformadas em rotas turísticas, a Itália se manifesta com maior ou menor intensidade, mas está sempre por lá. O roteiro mais famoso, batizado de Vale dos Vinhedos, é agraciado com nada menos do que 30 vinícolas, passando por duas gigantes: a Casa Valduga e a Miolo. Na primeira, o grande momento do tour é quando o enólogo abre o portão da escuríssima cave e o turista avança pelos parreirais sem disfarçar um frêmito de liberdade. Na agitada Miolo, um wine truck entretém os felizardos que se sentam sobre o gramado, ao pé do lago, num dia de sol qualquer. Já a rota das Cantinas Históricas pode começar na Vinícola Cainelli, onde há vinho, claro, mas também pinhão sapecado na fogueira rústica para acompanhar o café da manhã com queijo e salame. O caminho ainda abriga a enorme Salton, cujo edifício tem um quê de palazzo da Renascença, e a Dal Pizzol, surpreendente vinícola com um delicioso jardim, onde Antônio Dal Pizzol, um dos dois irmãos que tocam o negócio, nos recebe como se fosse o nosso fratello mais velho. O anfitrião mostra com extrema simpatia a cave onde é guardada uma garrafa de cada varietal produzido pela casa desde os anos 1970.

100 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Em sentido horário, o vinhedo da Miolo, com o Hotel e Spa do Vinho Caudalie ao fundo; tuc-tuc que leva turistas pela Vinícola Cainelli; detalhe da degustação de vinhos na Casa Valduga; Antônio Dal Pizzol; e a cave da Casa Valduga Clockwise: the Miolo winery with the Vinho Caudalie Hotel and Spa in the background; an auto rickshaw (tuk tuk) that takes tourists around the Cainelli winery; detail of a wine tasting at Casa Valduga; Antônio Dal Pizzol; and the cellar at Casa Valduga

In the Italy revived in the Serra Gaúcha, there’s also no shortage of the beverage to celebrate life. The region produces 85% of Brazilian wine, much of it at the hands of powerful wineries such as Miolo, Salton and Aurora, but also the daily lavoro of dozens of small families who work the old-fashioned way, taking on a wide range of duties. At Cristofoli, for example, the flirtatious vintner Bruna Cristofoli helps to serve visitors a delicious meal – which includes homemade bread and pasta – prepared by her mother. At this time, the men folk may be in the city on business, or working some minor refurbishments. It’s only during the grape harvest on the property, in the summer time, that they call upon outsider help. On warm days, the family comes together to bring a spuntino (snack) to tourists who wish to picnic on a blanket among the vineyards. Incidentally, with so many vineyards climbing over endless hills, Serra often calls the Tuscany wine country to mind. Albeit you can hardly travel more than a few miles without coming across a factory or trucking company warehouse. But along the region’s back roads, transformed into tourist routes, the

landscape harks to Italy, at times more intensely, less intensely at others, yet it’s always there. The most famous tour route, called Vale dos Vinhedos, has no fewer than 30 wineries, including two giants: Casa Valduga and Miolo. At the first one, the grand moment of the tour is when the winemaker opens the gate of pitch-dark cellar and the tourists go through vineyards without disguising a tingling of freedom. At the bustling Miolo, a wine truck entertains the lucky souls sitting on the grass, right by the lake, on any given sunny day. The route of the Cantinas Históricas, on the other hand, can start out at Cainelli winery, where there is wine, of course, but also pine nuts crackling over a rustic fire to accompany a hearty breakfast with cheese and salami. The huge Salton winery is also located along this route, whose main building has a touch of a Renaissance palazzo, as well as Dal Pizzol, an amazing winery with a delightful garden, where Antônio dal Pizzol, one of two brothers who run the business, receives us as if he were our older fratello. In the friendliest way, the host shows off the cellar where a bottle of each variety produced by the oenologists since the 1970s is kept.

101


D ES T INOS | S E R R A G A Ú C H A

O vinho cai para segundo ou terceiro plano em algumas rotas, como a Caminhos de Pedra. A primeira de suas atrações é a Foto à Moda Antiga, local onde os visitantes podem personalizar os rótulos de suas garrafas ou posar com costumes de época. Logo em seguida vem a Casa do Tomate, na qual dona Maristela Lerin vende preparados da iguaria e conta de graça histórias dos oriundi. Uma delas tem a ver com outro produto que comercializa, um refrigerante caseiro à base de frutas que era oferecido com segundas intenções pelos rapazes às moças. “Se ela aceitasse tomar, aceitava namorar”, diz. Outra parada de destaque é a Casa da Ovelha, em que crianças deliram ao amamentar os fi lhotes, que, crescidos, irão fornecer a matéria-prima para iogurtes e pecorinos. No roteiro Encantos de Eulália uma linda e bucólica igrejinha dedicada à mártir cristã não dá pistas do que vem pela frente: o Gasper, parque de esportes de aventura, uma das novidades de Bento Gonçalves. Um belo cânion não está ali só para contemplação, mas para ser vencido no rapel – a volta é em escalada, por via ferrata (degraus afi xados) sobre a rocha. A tirolesa é só para os muito iniciantes, mas o quadriciclo e o paintball têm lá seus grandes momentos. Sem o apelo romântico (e as hortênsias) da vizinha Gramado, esta porção da Serra Gaúcha pede pouco do turista: quem sabe apenas um paladar isento de preconceitos para perceber que ali se faz um vinho de surpreendente qualidade – e que, portanto, a ida a Mendoza, ao Alentejo ou ao Vêneto pode esperar. E também um pequeno esforço de abstração para embarcar junto com os bufões da maria-fumaça rumo ao Novo Mundo. Um Novo Mundo que, passado quase um século e meio da viagem inaugural, segue a ser construído ali mesmo, bem à nossa frente.

102 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Na página anterior, refrigerantes da Casa do Tomate, retrato feito na Foto à Moda Antiga e turistas na Casa da Ovelha. Nesta página, acima, parreirais da Vinícola Dal Pizzol; e, à esquerda, show no tour de maria-fumaça Previous page: soft drinks at Casa do Tomate, portrait made at Foto à Moda Antiga, and tourists at Casa da Ovelha. This page, above: vineyards at the Dal Pizzol winery; and left: a performance on the steam train tour

OS ELEITOS

THE CHOSEN ONES

Touriga Nacional, da Dal Pizzol R$65

Origem 1929 Marselan, da Cainelli R$65

Espumante Brut 130, da Casa Valduga R$91

Intenso Cabernet Franc&Malbec, da Salton R$27

Wine is relegated to the second or third plane on some of the tour routes, such as the one called Caminhos de Pedra. The first of its attractions is Foto à Moda Antiga, where visitors can customize bottle labels or pose with period costumes. Then comes Casa do Tomate, where dona Maristela Lerin sells delicacies made from tomatoes and spins yarns about the history of the oriundi. One such story has to do with another product she sells, a homemade soft drink made from fruit, which used to be offered with ulterior motives by the boys to the girls. “If she accepted one, she accepted to go steady”, says Maristela. Another important stop is Casa da Ovelha, where children go wild bottlefeeding the lambs, which – once they’re grown up – will provide the raw material for ewe’s milk yoghurt and pecorino cheese. On the route known as Encantos de Eulália, a beautiful and bucolic little church dedicated to the Christian martyr, Saint Eulaia, gives no clues

to what lies ahead: an adventure sports park called Gasper, one of the latest attractions in Bento Gonçalves. A beautiful canyon isn’t there just to behold, but to rappel down the gorge – then to climb your way back up, using the ferrata (iron rungs) affixed to the rock face. The zip line is only for the real beginners, but the ATV rides and paintball have their great moments as well. Without the romantic appeal (and the hydrangeas) of neighboring Gramado, this portion of the Serra Gaúcha asks little from tourists: maybe just a palate that’s free from prejudice to realize that some amazing quality wine is made around there – and so your trip to Mendoza, the Alentejo, or Veneto can wait. And maybe also a bit of effort of abstraction, to embark along with the buffoons of the steam locomotive, heading to the New World. A New World that, after almost a century and a half since its maiden voyage, continues to be built right there in front of us.

103


D ES T INOS | S E R R A G A Ú C H A

ONDE FICAR

WHERE TO STAY

Pousada Villa Valduga

Dentro do complexo da Vinícola Valduga, oferece curso de degustação para os hóspedes. Não tem piscina, sauna ou outros mimos do tipo, mas a vista dos parreirais é um grande trunfo. Located within the Valduga winery complex, offers a wine-tasting course for guests. There is no pool, sauna or other such perks, but the view of the vineyards is a major trump card. VIA TRENTO, 2355, BENTO GONÇALVES 54 2105 5134

VILLAVALDUGA.COM.BR

Laghetto Viverone

Hotel de negócios no centro de Bento. Tem quartos confortáveis com cama king size, pequena academia e sauna no 12º andar. A business hotel in downtown Bento. It has comfortable rooms, with king size beds, a small fitness center and a sauna on the 12th floor.

R. CARLOS FLORES, 301, BENTO GONÇALVES 54 3449 1919

LAGHETTOVIVERONEBENTO.COM.BR

Dall’Onder Grande Hotel

Tradicional na cidade, conta com piscina, recreação infantil e bicicletas para os hóspedes. Oferece passeios de bike pelas estradas rurais da Serra Gaúcha. A traditional hotel in the city, featuring a pool, children’s recreation area, and bicycles for guests. Offers bike tours along the country roads of Serra Gaúcha. R. ERNY HUGO DREHER, 197, BENTO GONÇALVES 54 3455 3555

DALLONDERGRANDEHOTEL.COM.BR

Hotel e Spa do Vinho Caudalie

Suntuoso, é decorado com peças antigas e móveis de madeira de lei. O destaque é o spa, cujos tratamentos faciais e corporais utilizam produtos feitos a partir do mosto da uva. Sumptuous, this hotel is decorated with hardwood furniture and antiques. One of the highlights is the spa, where face and body treatments use products made from grape must. RS 444, KM 21, BENTO GONÇALVES 54 2102 7200

SPADOVINHO.COM.BR

104 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

ONDE COMER

COMO IR

Casa di Paolo

A Azul opera voos diretos de Campinas para Caxias do Sul, cidade da Serra Gaúcha a 39km de Bento Gonçalves. A companhia também tem frequências diárias partindo de todo o País para Porto Alegre, a 120km do destino Azul operates direct flights from Campinas to Caxias do Sul, a city in the Serra Gaúcha just 39km from Bento Gonçalves. The company also has daily flights from around the nation to Porto Alegre, 120km from Bento Gonçalves. São Paulo

WHERE TO EAT

Estrelada no Guia Quatro Rodas, a casa serve um galeto temperado por longas horas acompanhado de cappelletti in brodo, polenta frita e saladas. Endorsed by Guia Quatro Rodas travel guide, the eatery serves roast chicken marinated for hours, with sides that include cappelletti in brodo, fried polenta, and salads. RS 470, KM 221,6, ENTRE BENTO GONÇALVES E GARIBALDI 54 3463 8505

CASADIPAOLO.COM.BR

HOW TO GET THERE

Vinícola Cristofoli

O pequeno salão onde é servido o almoço é a parte que representa muito bem o todo. A comida é feita pela mãe e trazida à mesa pela filha, que é enóloga. Massa, polenta, carne e uma rica salada ganham mais sabor com o toque familiar. Difícil não levar um vinho ou uma grapa ao final da refeição. The small dining hall where lunch is served is the part that well represents the whole. The food is made by the mother and brought to the table by the winemaker daughter. Pasta, polenta, beef and a rich salad take on more flavor by the family touch. It’s hard not to follow the meal with a nice glass of wine or grappa.

Brasil Paraná

Santa Catarina BENTO GONÇALVES

CAXIAS DO SUL

PORTO ALEGRE

Rio Grande do Sul

RS 431, KM 6, FARIA LEMOS, BENTO GONÇALVES 54 3439 1190

VINHOSCRISTOFOLI.COM.BR

Valle Rustico

Com pretensões gourmet, serve jantares harmonizados com os vinhos locais. Tem carnes de caça e peixes de água salgada. Boa razão para ir a Garibaldi. With gourmet pretensions, this eatery serves dinner harmonized with local wines. It also offers game meat and saltwater fish. A good reason to go to Garibaldi. EST. 15 DA GRACIEMA, S/Nº, GARIBALDI 54 3067 1163

VALLERUSTICO.COM.BR

40 03 1181

ramado

G tel noites, no Ho Pacote de 4 m café co , rra Se Estrelas da s Vinhedos e tour Vale do SAÍDA EM 23/

9 (DE CAMPINA

S)

10x R$118,80 a par tir de

sem juros


DES T INOS | S E R R A G A Ú C H A | F A Z E N D O A M A L A

2

3

1

5 4

7

106 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

AGRADECIMENTO: REGAT TA TECIDOS (COURO ENVELHECIDO)

6


1

Jeans Arrow. R$259 Arrow jeans. R$259 11 3587 6703

2 Calça Dafiti. R$119,90

Sip by sip

De gole em gole

Dafi ti pants. R$119.90 DAFITI.COM.BR

3 Mala Samsonite. R$549

Samsonite luggage. R$549

SELECIONAMOS ROUPAS E ACESSÓRIOS IDEAIS PARA VOCÊ CURTIR AS TEMPERATURAS AMENAS, A CULINÁRIA FARTA E, CLARO, OS BONS VINHOS PRODUZIDOS NA SERRA GAÚCHA WE’VE SELECTED IDEAL CLOTHING AND ACCESSORIES FOR YOU TO ENJOY THE MILD TEMPERATURES, ABUNDANT CUISINE AND, OF COURSE, THE GOOD WINES OF SERRA GAÚCHA

SAMSONITE.COM.BR

4 Paletó Aramis. R$599 Aramis blazer. R$599 ARAMIS.COM.BR

5 Camisa polo Shorts Co. R$139

Edição/Editing THAIS LUTTI Produção/Production CAMILA NARDI Foto/Photo LEO ELOY

Shorts Co. shirt R$139 SHORTSCO.COM.BR

6 Tricô Hugo Boss. R$1.015

Hugo Boss tricot jacket. R$1.015 HUGOBOSS.COM

8

7

Cinto CNS. R$49,90 CNS belt. R$49.90

SAPATOSCNS.COM.BR

8 Mocassim FiveBlu. R$129,90 FiveBlu moccasins. R$129.90 ALLANI.COM.BR

9 Total comfort shave cream Dove. R$76,90

Dove total comfort shaving cream. R$76.90

Softening pre-shave oil Dove. R$69,90 Dove softening pre-shave oil. R$69.90

Intense post-shave repair balm Dove. R$69,90

9

Dove intense post-shave repair balm. R$69.90

10

DOVE.COM.BR

10 Mocassim West Coast. R$198,90 West Coast moccasins. R$198.90 WESTCOAST.COM.BR

11

12

11 Óculos de sol Unofficial. R$199 Unofficial sunglasses. R$199 FOTOTICA.COM.BR

12 Boné Plas. R$175 Plas cap. R$175 PLAS.COM.BR

107


D ES T INOS | B R O T A S

Boas doses de

emoção Heavy doses of thrills

108 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


A 150km de Campinas, principal hub da Azul, Brotas fez sua fama ao apostar no turismo de aventura. Com geografia privilegiada, oferece uma grande gama de atividades radicais a serem feitas na ågua, na terra ou no ar Located 150 km from Campinas (Azul’s main hub), Brotas has made its fame by betting on adventure tourism. With prime geography, it offers a wide array of extreme activities, whether in the water, on land, or in the air

Por/By BRUNA TIUSSU Fotos/Photos ANNA CAROLINA NEGRI

109


D ES T INOS | B R O T A S

O

garoto estava injuriado. Parecia estar ali, prestes a entrar no bote, apenas convencido pelos pais de que aquilo seria divertido. Depois de estarem os três a bordo, a brincadeira começou, Rio Jacaré Pepira abaixo. Bastou a primeira corredeira dar uma sacudida na embarcação para aquele bico sumir do rosto do pequeno aventureiro. Segurando firme, agora com os olhos arregalados e um sorriso de canto de boca, ele estava pronto para os próximos desafios, mais 13 quedas d’água. Com níveis que variam entre o leve e o radical, elas arrancaram gritos, suspiros e gargalhadas do menino. E, ao fim do percurso de 8km, cumpriram a máxima do rafting de Brotas: ele e os demais terminaram o passeio encharcados. A 150km de Campinas – principal hub da Azul – e a 250km de São Paulo, Brotas faz parte do seleto grupo das cidades que têm um rio e sabem muito bem aproveitá-lo. O Jacaré Pepira, cujo nível de pureza está na casa dos 80%, é o grande responsável pelo desenvolvimento de seu turismo de aventura, que teve início na década de 90, depois que muita gente deixou o município por conta do declínio da cultura cafeeira. Passados alguns anos, a canoagem e o boia-cross se juntaram ao rafting, ampliando o cardápio de atrações que começava a atrair gente da região.

110

A Z U L M AG A Z I N E | 0 8 . 2 015

Hoje, com o turismo como principal atividade econômica, ficou difícil vivenciar tudo o que o destino oferece em um fi m de semana. Brotas soube ainda usufruir de seu relevo acidentado e tratou de investir em esportes que estimulam vencer o temor das alturas. Alguns funcionam como aquecimento, caso do arvorismo. Já a tirolesa pode ser considerada um desafio mediano. No Parque Aventurah, por exemplo, o circuito é composto de duas descidas – uma de 800m de extensão, outra de 500m –, em que a velocidade de deslize da pessoa chega aos 70km/h, a depender de seu peso. Escalada, rapel e canionismo, por sua vez, são para aqueles que realmente gostam de sentir a adrenalina subir. Assim como a queda livre, a mais recente atividade da cidade. Nela, o praticante deve saltar de uma plataforma e simplesmente aproveitar os 25 metros de queda, vencidos em poucos segundos e com fi nal amortecido graças ao equipamento importado. O ponto-chave disso tudo é que a tal plataforma está a 60 metros do chão, num vale cercado de verde. Ou seja, bastou uma olhadela para baixo para as pernas teimarem em ficar no lugar. Apesar de todo o teor de radicalismo, a maioria das atividades é indicada também para crianças – cada uma tem seu limite mínimo de altura e peso. Além de testar os níveis de coragem dos pequenos, Brotas também tem seu lado educativo:


T

Na página anterior, uma das corredeiras vencidas no rafting no Rio Jacaré Pepira. Nesta página, acima, o arvorismo e a tirolesa do Parque Aventurah; e, ao lado, a queda livre, atração mais recente da cidade Previous page: taking on the rapids while rafting on the Jacaré Pepira River. This page, above: tree-climbing and zip-lining at Parque Aventurah; opposite: free falling, the city’s latest attraction

DA ROÇA

FROM THE FARM Picadinho com polenta, cappelletti in brodo, porco na lata e outros pratos da cozinha interiorana estarão no cardápio do Brotas Gourmet, festival gastronômico que promete agitar a cidade este mês. Entre os dias 13 e 15, a 4ª edição do evento vai tomar conta do Centro Comunitário, com 13 tendas de comidas preparadas pelos restaurantes locais. Picadinho com polenta, capeletti in brodo, porco na lata, and other dishes typical of the interior regions of São Paulo will be on the menu at Brotas Gourmet, a food festival that promises to enliven the city this month. From August 13th to 15th, the fourth edition of the event will take over the Community Center, with 13 tents offering foods prepared by local restaurants. BROTASGOURMET.COM.BR

he boy looked peeved. He seemed to be there, about to enter the raft, barely convinced by his parents that it would be fun. After all three were on board, the ride down the Jacaré Pepira River began. All it took was the first set of rapids to shake up the raft for that pout to disappear from the little adventurer’s face. Holding on tight, now with eyes wide open and a huge grin, he was ready for the challenges ahead – 13 more waterfalls. With classes of rapids ranging from light to extreme, they brought out the boy’s screams, gasps and guffaws. And, at the end of the eight-kilometer run, they fulfilled the ultimate maxim of rafting in Brotas: he and everyone else finished the ride soaking wet. Located 150km from Campinas – Azul’s main hub – and 250km from São Paulo, Brotas is part of the select group of cities that have a river and know how take full advantage of it. The Jacaré Pepira River, whose level of purity is around 80%, is largely responsible for the development of the city’s adventure tourism, which began back in the 1990s, after hosts of people left the city due to a decline in coffee farming. After several years, canoeing and tubing joined rafting, expanding the menu of attractions that began to lure people from around the region. Today, with tourism as the main economic activity, it has become difficult to experience all that this destination has to offer in just one weekend. Brotas also knew how to take advantage of its rugged terrain and made a point of investing in sports that stimulate overcoming one’s fear of heights. Some of these activities serve as a warm-up, like tree-climbing. On the other hand, the zip-line can be considered a mid-level challenge. At Parque Aventurah, for example, the circuit consists of two descents – one that’s 800 meters long, and another that’s 500 meters long – where zip-liners can reach speeds up to 70km/h, depending on their weight.

111


D ES T INOS | B R O T A S À esquerda, crianças brincam com a areia que canta; e, abaixo, o filme em 180 graus exibido no Centro de Estudos do Universo Left: children play with ‘singing sand’; below: the 180-degree movie shown at Centro de Estudos do Universo

PRODUTOS

Locais

Local products

Ketchup de goiaba

nas fazendas, há tours que passam por hortas e ensinam a tirar o leite de vacas. No complexo chamado Areia que Canta, é possível conhecer o mistério por trás de sua nascente, onde a água brota do chão e não deixa ninguém afundar e o solo é composto de uma areia que, quando esfregada corretamente nas mãos, emite um som mágico. Outra dose educacional – para todas as faixas etárias – se tem no Centro de Estudos do Universo, um dos mais modernos complexos de astronomia da América Latina. As visitas são feitas à noite e começam com a exibição de um fi lme em 180 graus. Em seguida, o grupo aprende a encontrar as principais constelações que, depois de vistas a olho nu, são observadas de pertinho em dois potentes telescópios. Planetas a milhões de anos luz da Terra também aparecem ali, cintilantes. Mais um ponto para Brotas, que soube tirar proveito até de seu céu estrelado.

112

A Z U L M AG A Z I N E | 0 8 . 2 015

Guava ketchup Levemente adocicado, feito de maneira artesanal e sem conservantes. R$14,90 Lightly sweet, handmade the traditional way, with no preservatives. R$14.90

Queijo colonial

Colonial cheese Produzido nas fazendas da região, é um dos ícones da cozinha local. R$40 o quilo Produced on farms in the region, this is an icon of the local cuisine. R$40 per kilo

Climbing, rappelling and canyoning, in turn, are for those who really like to feel the adrenaline levels rise. Likewise with free falling, the city’s latest attraction. In this activity, practitioners jump from a platform and simply enjoy the 25-meter free fall, with lasts just a few seconds and ends with a landing cushioned by imported equipment. The key point to all this is that the platform is 60 meters off the ground, in a valley surrounded by green scenery. In other words, all you have to do is take one glance downward for your legs to seize up. Despite such a high content of extremism, most of the activities are suitable even for children; each activity has its respective minimum height and weight. Besides testing the courage levels of the youngsters, Brotas also has its educational side: on the farms, there are tours that pass through vegetable patches and teach visitors how to milk a cow. In the complex called Areia que Canta (or “Singing Sand”), visitors can learn about the mystery behind its fountainhead, where water springs forth from the ground, and no one is able to sink to the bottom, and the sand – when correctly rubbed between the hands – emits a magical sound. Another educational activity – for all age groups – is found at the Centro de Estudos do Universo, one of the most modern astronomy complexes in Latin America. Tours of the facilities are at night, and begin with the screening of a movie in 180 degrees. Then, the tour group learns how to find some of the main constellations that, after seeing with the unaided eye, are then seen up close through two powerful telescopes. Planets millions of light years from Earth can also be seen there, sparkling away. Yet another strong point for Brotas, which even knew how to take advantage of its starry sky.


DEST INOS | E U F U I

São Miguel dos Milagres por/by André Bankoff

Já rodei muito pelo mundo, principalmente na época em que trabalhava como modelo. Conheci lugares tão belos quanto Milão, Paris, Nova York, Istambul e Berlim. Mas, quando me pergunto qual foi o destino que mais gostei de visitar, minha memória volta ao Brasil e respondo sem titubear: São Miguel dos Milagres, cidadezinha alagoana vizinha de Maceió. Assim que cheguei lá, a natureza me recepcionou e logo me conquistou. O mar azul, superlimpo, as piscinas naturais e os peixes nadando sem pressa... São Miguel é sinônimo de tranquilidade. Escolha perfeita para um descanso no litoral, em família ou em casal. O clima é assim: na praia, um barqueiro se aproxima e pergunta o que você quer para o almoço, entre lagosta, camarão, peixe e lula. Tudo fresquinho. Lembro-me que comi uma ótima lagosta ao molho de camarão, com arroz e salada orgânica, colhida no quintal da pousada onde eu estava. E o melhor é que o ritual se repete a cada dia.

Atrás de sol e

Seeking sun and peace of mind

sossego

O ATOR ANDRÉ BANKOFF ENCONTROU EM SÃO MIGUEL DOS MILAGRES, EM ALAGOAS, A FÓRMULA PERFEITA PARA DIAS DE DESCANSO: PRAIAS TRANQUILAS, NATUREZA EXUBERANTE E GASTRONOMIA REGIONAL IN SÃO MIGUEL DOS MILAGRES, ALAGOAS, ACTOR ANDRÉ BANKOFF FOUND THE PERFECT FORMULA FOR RESTFUL DAYS: QUIET BEACHES, LUSH NATURE AND REGIONAL CUISINE

Em depoimento a/A testimony to LUIZA VIEIRA Retrato/Portrait CAMILLA MAIA

I’ve traveled all around the world, especially when I was working as a model. I’ve been to places as beautiful as Milan, Paris, New York, Istanbul and Berlin. But when I ask myself which destination I liked the most, my memory returns to Brazil, and I answer without hesitating: São Miguel dos Milagres, a small town in Alagoas, just outside Maceió. As soon as I got there, nature welcomed me and won me over right away. The blue sea, completely unpolluted, the natural tide pools, and fish leisurely swimming around. São Miguel is synonymous with tranquility. The perfect choice for a restful seaside stay, whether with your family or your significant other. The setting is like this: on the beach, a boatman comes over and asks what you’d like for lunch, among lobster, shrimp, fish and squid. All freshly caught. I remember I ate a terrific lobster in shrimp sauce, with rice and organic salad, picked from the backyard garden of the b&b where I was staying. And the best thing is that this ritual is repeated every day.


D EST INOS | E U F U I

Confira as dicas de André Bankoff para curtir o melhor do destino

Check out André Bankoff’s tips to enjoy the best this destination has to offer

1 Praia do Riacho Riacho’s Beach

2 Passeio de jangada Jangada ride

3 Praia do Toque Toque’s Beach

4 Restaurante do Toque Toque’s Restaurant

R. FELISBERTO DE ATAÍDE, S/Nº, POVOADO DO TOQUE 82 3295 1127 POUSADADOTOQUE.COM.BR

5 Vila Tatuamunha Tatuamunha Village

6 Associação de Observação do Peixe-Boi

Manatee Observation Association PÇA. SÃO GONÇALO, 38, TATUAMUNHA 82 3298 6247

Contornada por coqueiros, a faixa de areia possui um enorme paredão de corais. Na maré baixa é possível caminhar uns 150m mar adentro. Surrounded by coconut trees, stretch of sand has a huge wall of coral. At low tide, you can walk about 150 meters offshore.

116

A Z U L M AG A Z I N E | 0 8 . 2 015

Pode ser feito a partir de qualquer praia de São Miguel, e é imprescindível. Os jangadeiros levam você a cantinhos que só eles, locais, conhecem. You can take a ride on these traditional fishing rafts from any beach in São Miguel – an unmissable activity. The jangadeiros take you to places that only they, the locals, know about.


Local repleto de lindos casarões centenários, que contrastam com a simplicidade das outras vilas de São Miguel. É uma boa pedida para um passeio de manhã. Place full of beautiful century-old manor houses, contrasting with the simplicity of other villages in São Miguel. It’s a great choice for a morning stroll.

Condutores autorizados levam turistas para um tour de barco para avistar os animais. Eles são dóceis e se aproximam naturalmente das embarcações. É muito legal! Authorized skippers take tourists on boat tours to spot these animals. They are docile and naturally approach the vessels. It’s really cool!

Hidden away, with huge tide pools, this beach features several species of fish that can be easily seen. The best tip is to take along a diving mask to explore the ocean even more.

Charmoso, com iluminação a velas e lamparinas e o barulho do mar como trilha sonora. Quer impressionar, pedir em casamento ou ganhar um crédito na relação? O lugar é este! Charming, lit by candles and oil lamps, featuring the rustle of the waves as the soundtrack. Want to impress someone, to ask for someone’s hand in marriage, or to earn bonus points in a relationship? This is the place!

ILUSTRAÇÃO: MAURICIO PIERRO

Bem reservada e com enormes piscinas naturais, reúne várias espécies de peixes, que podem ser facilmente vistos. A dica é levar máscara de mergulho para explorar o mar ainda mais.

117


emfoco

FOTOS: FERNANDO YOUNG (ADRIANA ESTEVES); JULIA RODRIGUES (RODRIGO FERRA Z)

122

122 Adriana Esteves

A atriz se divide entre o cinema e a TV Actress is divided between film and TV

134 Rodrigo Ferraz

Um empreendedor gastronômico A culinary entrepreneur

142 Enjoei

O brechó que faz sucesso na internet The thrift store that’s a hit on the Internet

134


EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S

Fôlego de sobra Plenty of breath

Estrela da novela Babilônia, Adriana Esteves ainda tem tempo de mostrar sua versatilidade no cinema. Este mês a atriz entra em cartaz no filme Real Beleza, em que contracena com o marido, Vladimir Brichta

Por/By MANUELLA MENEZES Fotos/Photos FERNANDO YOUNG

122 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

PRODUÇÃO GERAL: THAIS LUT TI

Star of Babilônia, TV Globo’s latest telenovela, Adriana Esteves still has time to show her versatility in film. The actress stars in the movie Real Beleza, premiering this month, sharing the screen with her husband, Vladimir Brichta


E

la já foi mocinha, modelo, gata de praia, feminista, mãezona, patricinha, cantora e vilã. Aos 45 anos de idade – e 27 de trajetória na televisão –, Adriana Esteves se mostra cada vez mais versátil e com fôlego de sobra para continuar deixando sua marca na dramaturgia brasileira. Só nos últimos meses a atriz esteve envolvida em três projetos: a novela global Babilônia, agora em sua reta final, onde interpreta Inês, uma advogada sem caráter; a divulgação do longa Minions, em cartaz nas salas do País, no qual dubla a malvada Scarlet Overkill; e o lançamento de Real Beleza, fi lme em que vive uma mãe que faz tudo para apoiar a fi lha, e tem estreia marcada para o dia 6 deste mês. A produção de Jorge Furtado marca seu retorno à telona – seu último trabalho no cinema havia sido em 2006, na comédia Trair e Coçar É Só Começar – e a colocou novamente no set com o marido, Vladimir Brichta, com quem contracenou nas novelas Coração de Estudante (2002) e Kubanakan (2004). “A participação do Vlad foi acertada primeiro. Fui surpreendida com o convite do Jorge, depois. Estava de férias, mas a oportunidade de trabalhar com esse grande diretor, com meu marido e de contar uma história de amor tão humana foi irresistível", lembra Adriana.

124 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

LOOK 1: COLETE CIA MARÍTIMA, CALÇA FETHIE, BRINCO BALONÈ, ANEL MORANA ACESSÓRIOS, BOTA MIEZKO PARA PAT PATS; LOOK 2: CAMISETA CANAL, COL AR BALONÈ, ANEL MORANA ACESSÓRIOS

EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S


Entre uma e outra gravação da novela Babilônia, no Projac, Adriana Esteves posou para fotos While on break from shooting Babilônia, at TV Globo’s main production complex, Projac, Adriana Esteves posed for pictures

S

he’s already played a good girl, a fashion model, a beach babe, a preppy girl, a feminist, a super-mom, a singer, and a villain. At the age of 45 – and with a 27-year career in television – Adriana Esteves has proven to be increasingly versatile, with plenty of breath to continue making her mark on Brazilian drama. In the past few months alone, the actress was involved in three projects: the Globo telenovela Babilônia, now nearing the end of its run, where she plays Inês, an unscrupulous lawyer; the release of the feature film Minions, now playing at theaters across Brazil, in which she voices the evil Scarlet Overkill; plus Real Beleza, a film in which she plays a mother who does everything to support her daughter, slated to debut August 6th. The picture, directed by Jorge Furtado, marks her return to the big screen – her last film work was in 2006, in the comedy Trair e Coçar É Só Começar – and put her back on the set with her husband Vladimir Brichta, with whom she acted alongside in the telenovelas Coração de Estudante (2002) and Kubanakan (2004). "Vlad was cast before I was. I was surprised when Jorge offered me the part later. I was on vacation, but the opportunity to work with this great director, and with my husband, and to tell such a human love story, was irresistible," she recalls. In the story, Brichta plays João, a photographer in search of a new face to launch as a model. He finds Maria (Vitória Strada), but has to wait for her father (Francisco Cuoco) to return from a trip to authorize the photographer to take the girl to the big city. While waiting, he gets involved with Sarita, the girl’s mother, played by Adriana. The two characters spend most of film by themselves, in a delicate game of seduction. “I have the impression that the second they saw one another, the world changed. That’s the way it is when love happens. But we don’t always have the opportunity to experience it and let it unfold,” reflects the actress.

125


EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S

126 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


EU E VLADIMIR NOS ENCAIXAMOS. MAS NÃO PORQUE ELE É MEU MARIDO, PORQUE SOMOS DOIS ATORES SEMELHANTES " V L AD I M I R AN D I FI T TOGE T H ER . N OT B E C AU SE H E ' S MY H U S B A N D , B U T B E C AU SE W E AR E T WO S I MI L A R AC TOR S "

Na trama, Brichta vive João, um fotógrafo em busca de um novo rosto para lançar como modelo. Ele encontra Maria (Vitória Strada), mas precisa aguardar que seu pai (Francisco Cuoco) volte de viagem para autorizá-lo a levar a menina para a cidade grande. Durante a espera, ele se envolve com Sarita, a mãe da jovem, interpretada por Adriana. Os dois personagens passam boa parte do fi lme sozinhos, em um delicado jogo de sedução. "Tenho a impressão de que, no segundo em que se viram, o mundo ficou diferente. Quando o amor acontece é assim. Só que nem sempre temos a oportunidade de vivê-lo e deixá-lo desabrochar", reflete a atriz. Apesar do casamento de dez anos com o companheiro de cena, ela acredita que a parceria pessoal não influencia no desenrolar das filmagens. “Acho que há atores que se identificam, possuem afinidades. Independentemente de serem irmãos, amigos ou casados. Às vezes você é íntimo de alguém, mas o jogo cênico pode não combinar. Eu e Vladimir nos encaixamos. Mas não porque ele é meu marido, porque somos dois atores semelhantes." O novo trabalho reforça sua admiração pelo talento artístico do parceiro, mas Adriana não tem limites quando quer exaltar suas qualidades fora do set. "O Vladimir é lindo. É uma pessoa de caráter irretocável, de coração enorme. Ele é um baita educador, me faz ser uma mulher melhor e cria meus filhos de uma forma divina."

Despite ten years of marriage to her on-screen lover, she believes that personal partnership doesn’t influence the filming. "I think there are actors who identify with each other, who have an affinity for one another. Whether their siblings, friends, or husband and wife. Sometimes you’re intimate with someone, but the setting might not match up. Vladimir and I fit together. Not because he's my husband, but because we are two similar actors." The new work strengthens her admiration for her husband’s artistry, but Adriana has no limits when she wants to extol his qualities off the set. "Vladimir is beautiful. He’s a person of impeccable character, with a huge heart. He’s an awesome parent, makes me a better wife, and raises my children divinely." Children, by the way, is a subject that makes the actress’s eyes shine with pride. She has three: Agnes, 18, Felipe, 15, and Vicente, 8. Agnes is from Vladimir’s first marriage, but Adriana considers Agnes as her daughter too. Felipe is from Adriana’s relationship with actor Marco Ricca, and Vincent is hers and Vladimir’s. "Felipe is everything I imagined for a boy, a true prince. Vicente, when he was born, amazed me. He really took after me, both physically and in personality. Now he has many of his dad's traits. And Agnes is my daughter that came “ready”. She comes from another story, but no one can say that she’s not my daughter, because she is. Sometimes I call her out on something, and she talks back: 'Why are you fighting with me about this, if you do the same thing?' And it's true," she says, amused.

127


EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S

128 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


Filhos, aliás, são um assunto que faz os olhos da atriz brilharem de orgulho. Ela tem três: Agnes, de 18 anos, Felipe, de 15, e Vicente, de 8. Agnes é fruto do primeiro casamento de Vladimir, mas ela considera sua também. Felipe é de sua relação com o ator Marco Ricca, enquanto Vicente é dela e de Vladimir. “O Felipe é tudo o que eu imaginava para um menino, um verdadeiro príncipe. O Vicente, quando nasceu, deixou-me impressionada. Era muito parecido comigo, fisicamente e na personalidade. Agora está com muitas características do pai. E a Agnes é a minha filhona que veio pronta. Ela vem de uma outra história, mas não tem quem diga que não é minha fi lha, porque ela é sim. Às vezes, chamo a atenção dela e a ouço retrucar: 'por que você está brigando comigo por isso se faz igualzinho?' E é verdade", diz, achando graça. Em Real Beleza, Maria também é adolescente e conta com o apoio da mãe, Sarita, para ir em busca de seus sonhos. Aí está um ponto em comum entre atriz e personagem. Adriana é do tipo mãezona, que protege e incentiva. "A minha casa continua cheia, estão os três lá. Acho que sofreria um pouco se eles decidissem ganhar o mundo, mas não proibiria. Até porque eu não permiti que me impedissem de fazer nada", conta ela, que, aos 16 anos, trabalhava como modelo e já sonhava com voos mais altos. "Eu era uma menina de cidade grande, do Rio de Janeiro, com temperamento forte e curtindo a novidade de atuar em uma profissão em que jovens são permitidos. Ninguém conseguia me segurar. Eu era determinada e dedicada."

FOTOS: FABIO REBELO/DIV.

Duas cenas de Real Beleza, filme que estreia este mês: à esquerda, Adriana e o marido, Vladimir Brichta; e, abaixo, ela com o ator Francisco Cuoco Two scenes from the film Real Beleza, which opens this month: left: Adriana and her husband, Vladimir Brichta; and below: Adriana with actor Francisco Cuoco

In Real Beleza, Maria is also a teenager and has the support of her mother Sarita to go off in search of her dreams. Now there's a point in common between actress and the character. Adriana is the super-mom type, who protects and encourages. "My house is still full, there are three kids there. I think that I’d suffer a bit if they decided to set out to conquer the world, but I wouldn’t forbid it. Even because I didn’t let anybody keep me from doing anything," says Adriana, who at age 16 worked as a model and already dreamt of reaching new heights. "I was a girl from the big city, from Rio de Janeiro, with a strong temperament and enjoying the novelty of working in a profession where young people are allowed. No one could hold me back, I was determined and dedicated."

129


FOTOS: RAPHAEL DIAS/ T V GLOBO/DIV. (AVENIDA BRASIL); ESTEVAM AVELL AR/ T V GLOBO/DIV. (BABILÔNIA); T V GLOBO/DIV. (O CRAVO E A ROSA)

EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S

Nessa época, ela ainda estudou balé clássico, inglês e depois se formou em publicidade. Porém, a carreira artística foi mesmo um caminho sem volta. Depois de participar de um concurso no Domingão do Faustão, estreou na TV interpretando Tininha, uma gata de praia da novela Top Model, em 1989. A partir daí, presenteou o público com tipos inesquecíveis, como a Sandrinha, de Torre de Babel (1998); a Catarina, de O Cravo e a Rosa (2000); a Celinha, da série Toma Lá, Dá Cá (2007); Dalva de Oliveira, de Dalva e Herivelto (2010), e, claro, a Carminha, de Avenida Brasil (2012), vilã que até hoje provoca saudades nos telespectadores. "Encontrei agora algumas crianças me esperando, depois de uma gravação de Babilônia. Elas gritavam 'Carminha! Carminha!' E perguntavam: 'Não foi você quem fez Avenida Brasil?' Fiquei espantada, porque elas deviam ser muito novas e ainda assim se apegaram à personagem." A novela, já exibida em mais de 130 países, foi um grande marco na trajetória da atriz: “É um presentão fazer parte dessa história. Sigo em frente pensando que foi bacana ter havido isso no meu caminho."

130 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

At that time she also studied classical ballet, English, and then graduated in advertising. However, her artistic career was truly a one-way ride. After participating in a contest on the Sunday afternoon variety show Domingão do Faustão, she made her television debut playing Tininha, a beach babe in the telenovela Top Model, in 1989. From there, she introduced audiences to unforgettable types like Sandrinha, from Torre de Babel (1998); Catarina, from O Cravo e a Rosa (2000); Celinha, from the series Toma Lá, Dá Cá (2007); Dalva de Oliveira, from Dalva e Herivelto (2010); and of course Carminha, from Avenida Brasil (2012), the villain whom viewers still miss to this day. "I recently came across some children waiting for me after shooting scenes for Babilônia. They called out 'Carminha! Carminha!', and asked: Aren’t you the one who was in Avenida Brasil?' I was amazed because they had to be very young, and were still fond of the character." That telenovela, which has already aired in over 130 countries, was a major milestone in the actress’s career: "It's a huge gift to be part of this story. As I continue down my path, I think how great it was that this happened along the way."

Em sentido horário, a atriz no papel de Inês, em Babilônia; interpretando Catarina, em O Cravo e a Rosa; e como Carminha, a famosa vilã de Avenida Brasil Clockwise: the actress in the role of Inês, in Babilônia; playing Catarina, in O Cravo e a Rosa; and as Carminha, the popular villain from Avenida Brasil


EM FOCO | A D R I A N A E S T E V E S Em sentido horário, a atriz em Top Model, sua primeira novela; na série Toma Lá, Dá Cá; e a malvada Scarlet Overkill, de Minions, personagem dublada por ela Clockwise: Adriana Esteves in Top Model, her first telenovela; in the series Toma Lá, Dá Cá; and the evil Scarlet Overkill, from Minions, voiced by the actress

ZOOM Paixão juvenil

Na adolescência, Adriana foi arrebatada pela poesia. Hoje, não é leitora assídua, mas conta que a enxerga nas coisas simples do dia a dia. “Vejo a escola apresentar a poesia para meus filhos e acontecer com eles esse mesmo encantamento. Um dos meus poetas preferidos é Fernando Pessoa"

Youthful passion

132 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Her memory, nonetheless, has room for all the roles she’s played, from the most enduring to the most fleeting. In this final month of Babilônia, whose audience has fallen short of expectations, she makes a positive assessment of the novela. "It was a rich experience for me. First of all because I worked with amazing people; I formed a wonderful partnership with Glória Pires, who is an adorable colleague and an extremely generous woman. And the directing brought out the best in our cast. I only have reason to celebrate." Adriana is keeping quiet about the destiny of Inês, and swears she’s not hoping for any particular outcome. She explains her nonchalance: "I'm the kind of person who prefers radio to CDs, because I like the surprise of the next song. I always want the surprise of the next episode," says the actress, who will surely amaze herself and audiences alike in her future roles.

Experiência única

Um dos motivos que a fez aceitar dublar a vilã Scarlet Overkill, de Minions, foi que o filho Vicente é fã da animação. Mas a atriz não pensa em repetir a função: "Achei muito difícil. Meu negócio é mesmo dar a voz e a cara a tapa", brinca

Unique experience

One of the reasons that made her accept voicing the villain Scarlet Overkill, in the Portuguese-language version of Minions, was that her son Vicente is a big fan. But the actress isn’t considering repeating the job: "I found it very difficult. What I really like is to stick my neck out" she jokes

Habilidade corporal

Antes de se decidir definitivamente pela carreira de atriz, ela pensou em fazer medicina e chegou a se tornar professora de balé clássico. "A dança sempre foi uma paixão. Quando viajo, tenho que assistir a algum espetáculo de balé. Tentei convencer meus filhos a fazer aula, mas nenhum deles quis"

Body skills

Before definitively deciding on a career in acting, she thought about studying medicine, and later was trained as teacher of classical ballet. "Dance has always been a passion of mine. Whenever I travel, I just have to go to a ballet performance. I tried to talk my kids into taking lessons, but none of them wanted to"

FOTO: THIAGO PRADO NERIS/ T V GLOBO/DIV. (TOMA L Á, DÁ CÁ); DIVULGAÇÃO

Sua memória, porém, tem espaço para todos os papéis, dos mais duradouros aos mais efêmeros. No último mês de Babilônia, cuja audiência ficou aquém do esperado, ela faz um balanço positivo da novela. "Ela foi muito rica para mim. Porque trabalhei com pessoas incríveis, fi z uma parceria maravilhosa com Glória Pires, que é uma colega adorável e uma mulher extremamente generosa. E a direção extraiu o melhor do nosso elenco. Só tenho a comemorar.” Adriana faz mistério sobre o fi m de Inês, e jura que não torce para qualquer desfecho específico. Ela explica o desapego: "Sou o tipo de pessoa que prefere o rádio ao CD, porque gosto da expectativa da próxima música. Sempre quero a surpresa do bloco seguinte", diz a atriz, que certamente vai surpreender a si mesma e ao público em seus futuros papéis.

As a teenager, Adriana was swept away by poetry. Today, she’s is not an avid reader of poetry, but she sees it in the simple everyday things. "I see the school introducing my kids to poetry and that same enchantment happening to them. One of my favorite poets is Fernando Pessoa"


EM FOCO | R O D R I G O F E R R A Z

Comida Local delectables

DE ORIGEM Diretor geral do Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes, cuja 18ª edição será realizada neste mês, Rodrigo Ferraz não mede esforços para mapear as matérias-primas regionais e divulgar a farta cozinha do Brasil As head of the Tiradentes Food Festival – the 18th edition of which will take place this month – Rodrigo Ferraz holds nothing back when it comes to mapping out regional ingredients and disseminating Brazil’s bountiful cuisine

Por/By BRUNA TIUSSU Fotos/Photos JULIA RODRIGUES

134 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5


135


EM FOCO | R O D R I G O F E R R A Z

R

odrigo Ferraz vive com os pés na cozinha, mesmo sem saber sequer fritar um ovo. Sua rotina se voltou ao universo da culinária em meados de 2010, quando percebeu a importância de se conhecer mais a fundo toda a cadeia produtiva nacional. Descobertas e curiosidades sobre ingredientes, pequenos agricultores e receitas regionais aparecem constantemente numa conversa com o empresário. E também são as principais diretrizes trabalhadas no Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes, maior evento brasileiro do setor e do qual é diretor geral. Sua trajetória profi ssional começou como muitas outras. Cansado do estresse de trabalhar na bolsa de valores, resolveu mudar o rumo das coisas. Confiou em seu perfi l empreendedor e abriu uma cervejaria em Belo Horizonte, sua cidade natal. Até ser convidado, em 2009, a participar da gestão do Festival de Tiradentes, ao lado de Ralph Justino, que o idealizou em 1998. Foi então que ele se encontrou. "Rodrigo entrou quando o projeto estava desgastado. Ele deu fôlego, melhorou a programação e o colocou no patamar que está hoje", diz Ralph, atual prefeito da cidade histórica mineira.

136 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

O sucesso é evidente. Enquanto a edição de estreia atraiu três mil pessoas, a do ano passado teve público de 40 mil – quase seis vezes a população local – e a de 2015, realizada entre os dias 21 e 30 deste mês, promete superar a marca. Esta evolução se reflete em Tiradentes, que hoje tem sete restaurantes estrelados no Guia Quatro Rodas e é destaque em guias turísticos internacionais. Mineiro do tipo inquieto, Rodrigo logo entendeu que poderia estender esse potencial transformador do evento a outros destinos. "As pessoas ainda confundiam gastronomia com chef e restaurante. Eu quis mostrar a amplitude do tema e fazer um mergulho na cadeia produtiva do País, de Norte a Sul", explica. A ideia ganhou forma em 2011, como um desdobramento do Festival, e foi batizada de Fartura Gastronômica. Um dos braços do projeto é a Expedição, uma série de viagens em que chefs e pesquisadores mapeiam ingredientes e produtores de cada região. É a partir dessas andanças que Rodrigo e sua equipe descobrem pérolas da cozinha, como o turu, uma larva branca encontrada nos troncos das árvores dos mangues da Ilha de Marajó, no Pará, que é a base de um caldo. Ou o ritual do berarubu, do Tocantins, no qual uma cabeça de boi é enterrada em um buraco coberto de brasas, onde fica por mais de 12 horas para então ser consumida.

Em uma de suas visitas a São Paulo, Rodrigo Ferraz posou para fotos no bairro Pinheiros On one of his visits to São Paulo, Rodrigo Ferraz posed for photos in the Pinheiros neighborhood


R

odrigo Ferraz practically lives in the kitchen, without even knowing how to fry an egg. His routine has been geared toward to the culinary world since mid-2010, when he realized the importance of gaining a more thorough knowledge of the entire Brazilian production chain. Discoveries and facts about ingredients, family farmers, and regional recipes constantly come up in conversations with the businessman. And these are the main directives developed at the Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes (Tiradentes Food Festival), Brazil's largest event in this sector, of which he serves as general director. His career path began like many others: tired of the stress of working in the stock market, he decided to change the course of things. He relied on his entrepreneurial profile and opened a microbrewery in Belo Horizonte, his hometown. He remained there until 2009, when he was invited to take part in managing the Tiradentes Festival, alongside Ralph Justino, who created the event back in 1998. That was when he found himself. "Rodrigo came onboard when the project was already somewhat worn out. He breathed new life into the festival, improved programming, and put it at the level it is today," says Ralph, current mayor of Tiradentes, a historic town in the state of Minas Gerais. Success is evident. While the first edition attracted 3,000 people, last year some 40,000 attended the event – nearly six times the local population – and the 2015 edition, to be held August 21st–30th, promises to surpass that figure. This evolution is reflected directly in Tiradentes, which now has seven restaurants featured in the Guia Quatro Rodas travel guide, and is highlighted in many international tourist guides. A restless type, Rodrigo soon realized that he could multiply the transformative potential of the festival to other destinations. "People still confused gastronomy with chefs and restaurants. I wanted to show the scope of the issue, and delve into the production chain in Brazil, from North to South," he explains. The idea took shape in 2011, as an offshoot of the Festival, and was dubbed “Fartura Gastronômica.” One of the arms of the project is the “Expedition,” a series of trips in which chefs and researchers map out ingredients and growers of each region. It’s in these travels that Rodrigo and his team discover culinary gems, such as "turu", a white larva found on tree trunks in the mangroves of Ilha de Marajó, Pará, which is the base of a soup stock. Or the "berarubu" ritual, in Tocantins, where a steer’s head is buried in a hole covered with embers, where it remains for more than 12 hours before being consumed.

137


EM FOCO | R O D R I G O F E R R A Z

FOTOS: EUGÊNIO SÁVIO/DIV. (COZINHA); DIVULGAÇÃO

Ao lado, o preparo de um festim do Festival de Tiradentes; abaixo, a praça da cidade, durante o evento; e, à direita, o volume 1 de Expedição Brasil Gastronômico Opposite: preparations for a feast as part of the Tiradentes Festival; below: the town square during the event; and right: volume 1 of Expedição Brasil Gastronômico

A comitiva já visitou 22 dos 26 estados, o que rendeu um conteúdo primoroso, depois registrado em plataformas midiáticas, como vídeos, programas de rádio e livros – O volume 3 da série Expedição Brasil Gastronômico acaba de ser lançado. Os estudos ainda servem de curadoria para os encontros do Fartura, o segundo braço da iniciativa. Eles são como miniversões do evento de Tiradentes feitas em outras cidades – este ano, Fortaleza teve o seu em junho, em Belo Horizonte será em outubro e Porto Alegre, em novembro ou dezembro. "O País é muito rico e por isso mesmo não há valorização. A gente quer levar às pessoas este Brasil diverso e ainda desconhecido", diz. O próprio Festival também bebe dessa fonte. Muito do que será apresentado em sua 18ª edição são descobertas oriundas do Fartura. É o caso de alguns dos chefs que compõem o time de convidados deste ano. Dentre os representantes da nova geração de cozinheiros do País estão Sérgio Jucá e Felipe Lacet, do restaurante Sur, de Maceió; Daniela Martins, do Lá em Casa, de Belém; e Carlos Augusto, do Favorito, de Teresina. Os brasileiros terão companhia francesa: Xavier Burelle, Denis Fetisson, Emmanuel Ruz e Serge Chollet vêm ao encontro como parte do récemfirmado intercâmbio com o Festival Les Etoiles de Mougins. E para retribuir os mineiros Ivo Faria, Leo Paixão, Fred Trindade e Rodofo Mayer estarão presentes no evento europeu, em setembro.

138 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

The delegation has visited 22 of the 26 states in Brazil, which has yielded an exquisite content, then recorded on media platforms such as videos, radio programs and books – Volume 3 of Expedição Brasil Gastronômico was recently published. The studies also serve as curatorship for the editions of Fartura, the initiative’s second arm. They are like mini-versions of the Tiradentes event, held in other cities – this year, Fortaleza had its festival June, Belo Horizonte will have its edition in October, and Porto Alegre in November or December. "The nation is very rich and, for that very reason, people often take its cuisine for granted. We want to bring people to this diverse and still-unknown Brazil," he says. The Festival itself also drinks from this source. Much of what will be presented at its 18th edition is discovered during the Fartura events. This is the case of some of the chefs that comprise the team of guests this year. Among the representatives of the new generation of Brazilian cooks are Sérgio Jucá and Felipe Lacet, of Sur restaurant, in Maceió; Daniela Martins, of Lá em Casa, in Belém; and Carlos Augusto, of Favorito, in Teresina. The Brazilians will have French company: Xavier Burelle, Denis Fetisson, Emmanuel Ruz and Serge Chollet come to the event as part of the recently signed exchange program with the Les Etoiles de Mougins festival. And, in reciprocation, Minas natives Ivo Faria, Leo Paixão, Fred Trindade and Rodofo Mayer will attend the European event in September.


© 2014 UNIVERSAL STUDIOS. All Rights Reserved.

A PIPOCA NEM FICOU PRONTA E JÁ TEM MAIS UM SUCESSO NA SUA TV ALUGUE AGORA SEM SAIR DE CASA

ACESSE O NET NOW PELO CANAL 1 OU BAIXE GRÁTIS O APP SE VOCÊ AINDA NÃO É UM NET HD

LIGUE: 4004 8844

Consulte condições de aquisição e disponibilidade técnica do seu endereço.


EM FOCO | R O D R I G O F E R R A Z

ZOOM Superstição

Rodrigo jura que ainda sente aquele frio na barriga às vésperas do festival. Antes de dar início a uma edição, ele vai ao Boteco dos Malas e toma um copo de pinga. "Mas não qualquer uma, a 'guardada'. Isso me relaxa"

Superstition

Ruas, praças e outros espaços públicos do destino mineiro são palcos dos workshops (sempre gratuitos) ministrados pelos chefs, que ainda comandam os famosos festins. São jantares superconcorridos – este ano, 16 –, compostos de 16 etapas e que prestam homenagem à cozinha regional. Há quem viaje a Tiradentes só para passar por essa experiência gastronômica. "No ano passado, fiquei reparando nas placas do carros estacionados pela cidade. Uberlândia, Curitiba, São Paulo, Rio... Isso é o mais gratificante", afirma Rodrigo, que não esconde a satisfação ao ver gente de todos os cantos do Brasil interessada em provar um pouco mais de seu próprio país.

140 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

Streets, plazas and other public spaces in Tiradentes are the stages of workshops (always free of charge) taught by chefs who still command the famous feasts known as festins. These are hotly contested dinners – this year, 16 in all – consisting of 16 steps and paying homage to regional cuisine. There are those who travel to Tiradentes just to partake in this culinary experience. "Last year, I noticed the license plates of cars parked all around town. Uberlândia, Curitiba, São Paulo, Rio... This is the most rewarding aspect," said Rodrigo, who does not hide his satisfaction in seeing people from so many places across Brazil interested in sampling a bit of their own country.

Rodrigo swears he still gets butterflies in his stomach on the eve of the Festival. Before commencing an edition, he goes to Boteco dos Malas and downs a shot of cachaça. "But not just any cachaça… the ‘good stuff.’ That relaxes me"

Reconhecimento

O segundo volume do livro Expedição Brasil Gastronômico, de 2014, ficou em segundo lugar na categoria sustentabilidade do Prêmio Gourmand World Cookbook Awards, principal premiação da literatura do setor

Accolades

The volume 2 of Expedição Brasil Gastronômico, released in 2014, placed second in the sustainability category of the Gourmand World Cookbook Awards, the foremost award in literature on cooking

Carta de negócios

Além de diretor do festival, o empresário tem três casas de sucesso em Belo Horizonte: duas choperias Albanos e o restaurante Haus München

Business letter

Aside from being the director of the festival, the businessman has three successful eateries in Belo Horizonte: two beer bars called Albanos, plus the Haus München restaurant

FOTOS: EDSON TEXEIRA /DIV. (FARTURA BH); DIVULGAÇÃO

Em sentido horário, a colheita do turu, larva típica da culinária da Ilha de Marajó; degustação durante o Fartura BH; e aula ministrada no evento, em 2014 Clockwise: harvesting "turu", a larva used in the cuisine of Ilha de Marajó, Pará; food tasting at Fartura BH; and a class taught at the event, in 2014


VOLT.AG

Em um país com uma cultura tão viva e rica, o transporte aéreo estimula o intercâmbio e a expansão das manifestações artísticas. Um bom exemplo são os eventos culturais, sociais e esportivos que apoiamos e que, graças ao alcance da nossa aviação, recebem público de todo o Brasil. Com o acesso mais fácil das pessoas aos aviões, ajudamos a fortalecer a nossa identidade.

Quem voa pelo Brasil tem mu ito a comemorar . Acesse abear.com.br e impressione-se com a nossa aviação.

APOIO A PROJETOS

CULTURAIS, SOCIAIS E ESPORTIVOS


EM FOCO | M A D E I N B R A Z I L

Tudo de

segunda mão Everything second-hand

142 A Z U L M A G A Z I N E | 0 8 . 2 0 1 5

COM UMA PLATAFORMA SIMPLES, REPLETA DE FOTOS BEM FEITAS E DESCRIÇÕES QUE CONTAM A HISTÓRIA DOS PRODUTOS, O BRECHÓ VIRTUAL ENJOEI VENDE 4 MIL ITENS POR DIA – DE ROUPAS A BICICLETAS WITH A SIMPLE PLATFORM, FULL OF LOVELY PHOTOS AND DESCRIPTIONS THAT RECOUNT THE PRODUCT HISTORIES, THE ONLINE THRIFT STORE “ENJOEI” SELLS 4,000 ITEMS A DAY – FROM CLOTHS TO BICYCLES Por/By MARINA AZAREDO

Fotos/Photos HAROLDO SABOIA


Na página anterior, o casal Ana Luiza McLaren e Tie Lima. Ao lado, funcionários do Enjoei e, abaixo, detalhe da decoração do escritório do site Previous page: the couple Ana Luiza McLaren and Tie Lima. Opposite: employees of Enjoei; and below: detail of the decor of the site’s offices

Quem visita o escritório de 400 metros quadrados do Enjoei, próximo ao Parque Ibirapuera, em São Paulo, custa a acreditar que o negócio começou de maneira informal, em 2009, no apartamento do casal Ana Luiza McLaren, 33 anos, e Tie Lima, 35. “Não havia mais espaço para tudo o que tínhamos e eu comecei a juntar o que não queria”, conta a publicitária, na época, funcionária de um e-commerce. Com o background profissional, ela não demorou a encontrar uma solução para se livrar da “tralha” acumulada: criar um blog. Surgiu assim, em um momento de desapego, o brechó virtual colaborativo – qualquer pessoa pode vender seus “enjoos”, pelo preço que desejar. Atualmente a plataforma comercializa 4 mil itens por dia, de peças de roupa a câmeras fotográficas, passando por instrumentos musicais, livros e bicicletas. A divulgação inicial foi no boca a boca. “Comecei a mandar o link para amigos e a notícia viralizou”, lembra Ana. Durante três anos, o Enjoei funcionou assim, de forma bem caseira. Além de Ana, havia apenas duas pessoas envolvidas no operacional, trabalhando remotamente. Até que, em 2012, ao perceberem o potencial do que tinham em mãos, os dois abandonaram seus empregos (Tie também trabalhava com internet) e profissionalizaram o negócio. Com o apoio de um investidor, o Enjoei deixou de ser um blog e se tornou um site, mas sem perder as características que já haviam garantido seu sucesso. “Nunca quisemos que ele se parecesse a um e-commerce tradicional. Por isso, cada produto tem de ter uma história, uma descrição bem feita. O ‘enjoo’ do outro é sempre interessante”, diz Tie. É justamente a personificação de cada item que faz do Enjoei um brechó diferente. Hoje o grande destaque do site são as “lojinhas” de gente famosa, como a atriz Fernanda Vasconcellos, o empresário Facundo Guerra e a blogueira Camila Coutinho – que em julho já havia vendido mais de mil itens por lá. No ano passado, veio a segunda rodada de investimentos. E para os próximos meses Ana e Tie prometem novidades: o Enjubank, que vai possibilitar que um vendedor utilize seus créditos para fazer compras no site, uma curadoria colaborativa dos produtos à disposição e o lançamento do aplicativo da empresa para Android. “Lojinha” é mesmo só modo de dizer.

enjoei.com.br

No asnodnaos dnaosdn aosid nasdoin asodn asodn oasnd oasd oasnd oasndoansodando No ansod naosd naosdn oasnd oansdo ansod naod oansdi ansod oasn oaisnd oasdn iaosdn asd

For those who visit the 400 square-meter offices of the online store called Enjoei [which loosely translates to “I’m sick of it”], located a few blocks from Ibirapuera Park in São Paulo, it’s hard to believe that the business started out informally, in 2009, in the apartment of Ana Luiza McLaren, 33, and Tie Lima, 35. “There was no more room for everything we had, and I began to gather together the things I no longer wanted," recalls Ana, a former advertising exec who at the time was working for an e-commerce website. With her professional background, she didn’t take long to come up with a solution to get rid of all this horded “stuff”: to create a blog. This is how, at a time of letting go, the collaborative (anyone can sell the things they’re ‘sick’ of, at the price they want) online thrift store came about, which now sells 4,000 items a day, ranging from clothes and é o número de funcionários do Enjoei cameras to musical instruments, books and bicycles. is the number of Initially, advertising was by word of mouth. “I started employees of Enjoei to send the link to friends, and the news went viral,” recounts Ana. For three years, Enjoei worked like that… as a home-based business. Aside from Ana, there were mil itens são anunciados only two other people involved in the operational diariamente no site aspects, both working remotely. Until, in 2012, upon thousand items are realizing the potential of what they had started, the advertised daily on the site couple quit their jobs (Tie also worked with the Internet) and professionalized the venture. With backing from an investor, Enjoei went from being a blog to becoming a full-fledged website, but without losing mil pessoas acessam the characteristics that had already guaranteed its o Enjoei todos os dias success. “We never wanted it to look like a traditional thousand people access e-commerce site. Therefore, each product must have Enjoei every day a backstory, a well-written description. The stuff one person is ‘sick of’ is always interesting,” affirms Tie. It’s precisely the personification of each item that makes Enjoei a different kind of second-hand é a comissão da empresa store. Today, the site’s biggest highlights are the “little sobre cada venda realizada is the company’s commission shops” of famous people, such as actress Fernanda on each item sold Vasconcellos, businessman Facundo Guerra, and blogger Camila Coutinho – who in July had already sold more than 1,000 items there. Last year came the second round of investments. And for the coming months, Ana and Tie promise several new developments: Enjubank, which will enable sellers to use their credits to make purchases on the site, a collaborative curation of products available, and the launch of the company's Android app. Indeed, “little shop” is just one way to put it.

70 10

180

20%

143


FOTO: DIVULGAÇÃO A ZUL

azuis

A350 XWB, novo modelo da Airbus, é a mais avançada aeronave comercial disponível atualmente e estará, em breve, na frota da Azul – a companhia receberá cinco unidades em 2017 The A350 XWB, a new model of Airbus, is the most advanced commercial airliner currently available and will be soon be part of Azul’s fleet – the company will receive five units in 2017

146 Novidades News

A Azul fecha parceria com a United Airlines Azul forges new partnership with United Airlines

148 Nas Alturas Up and Away

O potente Boeing 787 Dreamliner da United United’s mighty Boeing 787 Dreamliner

159 Mapa de Rotas Route Map Os destinos da companhia The company’s destinations


FOTOS: DIVULGAÇÃO A ZUL

AZU IS | N O V I D A D E S

Azul and United ink new partnership

Azul e United celebram parceria COMPANHIA NORTEAMERICANA INVESTE US$100 MILHÕES EM 5% DO VALOR ECONÔMICO DA AÉREA BRASILEIRA E FECHA ACORDO DE CODESHARE – JUNTAS, ELAS VÃO OFERECER LIGAÇÕES PARA MAIS DE 450 DESTINOS U.S.-BASED CARRIER INVESTS US$100 MILLION FOR A 5% STAKE OF THE BRAZILIAN AIRLINE AND CLOSES A CODESHARE AGREEMENT – TOGETHER THEY WILL OFFER CONNECTIONS TO OVER 450 DESTINATIONS

Em junho a Azul e a United Airlines fecharam uma parceria – na qual a companhia norte-americana investiu US$100 milhões em 5% do valor econômico da empresa brasileira – que vai trazer uma série de benefícios aos Clientes. Com o acordo, as aéreas compartilharão rotas entre o Brasil e os Estados Unidos, além de outros destinos no mundo. Isso facilitará o acesso de brasileiros às mais diversas localidades norteamericanas e a outros países servidos pela United. Juntas, as companhias vão oferecer ligações para mais de 450 cidades em mais de seis mil voos diários. "Isso será muito bom para nossos Clientes, que poderão ir de Belo Horizonte a Chicago ou de Porto Alegre a Las Vegas, por exemplo. Tudo porque a United é uma das maiores empresas aéreas do mundo", afirma David Neeleman (foto), fundador e CEO da Azul. Os programas de fidelidade TudoAzul e MileagePlus também terão benefícios ampliados por conta do acordo. O acúmulo e o resgate de pontos serão bilaterais. Isto é, os Clientes poderão juntar pontos para o TudoAzul voando de United, assim como Clientes MileagePlus poderão somar pontos ao viajar de Azul. Em breve, todos esses benefícios estão disponíveis. Confi ra detalhes no site voeazul.com.br e nos canais de atendimento da companhia.

8 . 22 001155 146 A Z U L M A G A Z I N E | 0 1.

In June, Azul and United Airlines forged a new a partnership – in which the Chicago-based company invested US$ 100 million for a 5% economic stake in the Brazilian carrier – that will bring a number of benefits to Customers. Under the agreement, the two airlines will share routes between Brazil and the United States, in addition to other destinations worldwide. This will facilitate Brazilians’ access to several U.S. cities and to other countries served by United. Together, the companies will offer connections to more than 450 cities, on more than six thousand flights daily. “This will be great for our Customers, who can go from Belo Horizonte to Chicago or from Porto Alegre to Las Vegas, for example. All because United is one of the world’s largest airlines," said David Neeleman (photo), founder and CEO of Azul. The TudoAzul and MileagePlus frequent-flyer programs also have benefits expanded through the new agreement. Accumulation and redemption of points are bilateral, i.e., Customers can accumulate points on TudoAzul by flying United, and MileagePlus customers can earn points when flying Azul. All these benefits will be available shortly. Check out more details at voeazul.com.br and on the company's customer service channels.


A Azul surpreende seus Clientes com mais uma novidade: a Azul Collection, uma incrível linha de produtos com a marca da companhia. Pôsteres, canecas, squeezes, camisetas, moletons e miniaturas de aviões são alguns dos itens já disponíveis no site lojinhaazul.com.br, que entrou no ar no mês passado. "Este é um projeto muito especial para a companhia, já que temos uma das marcas mais inovadoras e admiradas no mundo, além de muito querida pelos brasileiros. Somos a única aérea no Brasil a ter uma loja virtual com produtos desenvolvidos especialmente para sua marca e vamos oferecer itens de qualidade, que satisfaçam a paixão de nossos Clientes pela empresa”, afi rma Gianfranco Beting, diretor de Comunicação, Marca e Cultura da Azul. Todos os itens da Azul Collection são produzidos e comercializados em parceria com a bandUp!. “Para nossa empresa, trabalhar neste projeto é empolgante. Desde a sua fundação, a Azul tem a ideia de ser diferente, cuidando de seus Clientes com ações inovadoras e especiais. Essa também é a forma que nós pensamos”, afi rma Bruno De Marchi, diretor da bandUP!.

Azul products to collect

Produtos Azul para colecionar

ITENS COMO CANECAS, PÔSTERES E ROUPAS COM A IDENTIDADE VISUAL DA COMPANHIA AGORA PODEM SER ADQUIRIDOS POR MEIO DE UMA LOJA VIRTUAL EXCLUSIVA ITEMS INCLUDING MUGS, POSTERS AND CLOTHING WITH THE COMPANY'S LOGO CAN NOW BE PURCHASED THROUGH AN EXCLUSIVE ONLINE STORE

Azul surprises its Customers with yet another new development: the Azul Collection, an amazing line of products with the company's trademark. Posters, mugs, squeeze bottles, t-shirts, hoodies and miniature aircraft are some of the items already available at lojinhaazul.com.br, which went live last month. "This is a very special project for the Company, since we have one of the world’s most innovative and admired brands, and dear to Brazilians. We are the only airline in Brazil to have an online store with products specially developed for its brand, and we offer quality items that satisfy our customers’ passion for the company," said Gianfranco Beting, Director of Communication, Brand and Culture at Azul. All items from the Azul Collection are produced and marketed in partnership with bandUP!. "For our company, working on this project is thrilling. Since its inception, Azul has had the idea of being different, caring for its Customers with special and innovative actions. This is also the way we think," says Bruno De Marchi, CEO of bandUP!. Confira mais detalhes da linha de produtos no site LOJINHAAZUL.COM.BR

147


AZU IS | N A S A L T U R A S

The future of aviation is here

O futuro da aviação chegou Texto e fotos/Text and photos GIANFRANCO BETING

UMA DAS AERONAVES MAIS MODERNAS DA ATUALIDADE, O BOEING 787 DREAMLINER DA UNITED TEM VELOCIDADE SUPERIOR À DOS MODELOS CONVENCIONAIS, POLTRONAS QUE RECLINAM ATÉ 180 GRAUS E ÓTIMO SISTEMA DE ENTRETENIMENTO ONE OF TODAY’S MOST MODERN AIRCRAFT, UNITED’S BOEING 787 DREAMLINER HAS FASTER SPEEDS THAN CONVENTIONAL MODELS, SEATS THAT RECLINE 180 DEGREES, AND A TOP-NOTCH ENTERTAINMENT SYSTEM

R

ecentemente experimentei o que é voar em uma das mais avançadas aeronaves do mundo, o Boeing 787 Dreamliner da United, em uma viagem de ida e volta a Fort Lauderdale, via Houston. A experiência começou já na reserva descomplicada no site da companhia. Na véspera do embarque, fiz o check-in pelo aplicativo da empresa e recebi os cartões de embarque. Nada de papel para perder ou amassar. Ao chegar ao GRU Airport, levando apenas mala de mão, fui esperar na sala VIP da Star Alliance, a maior aliança de empresas aéreas, que tem na United uma de suas fundadoras. Tomei uma chuveirada quente em um dos banheiros individuais do lounge. Embarcamos em um Boeing 787 novinho, com menos de um ano de uso. Ocupei uma das 36 poltronas da BusinessFirst. O arranjo de assentos é de 2+2+2, com distância entre fileiras (pitch) de 78 polegadas e poltronas que reclinam até 180 graus; há ainda as classes Economy Plus, com pitch de 35 polegadas, e a padrão, com pitch de 32 polegadas. Já acomodado, testei os controles ao alcance das mãos: tomada de força, entrada USB e monitor individual. Destaque também para as janelas, 40% maiores que as convencionais. Logo os motores ganharam vida, comprovando que o nível de ruído no Dreamliner é baixíssimo. Decolamos no horário e aceleramos para a Mach 0.85, velocidade superior à da maioria dos jatos comerciais – em voos longos, a diferença pode reduzir a viagem em mais de 1h. Assim que nos estabilizamos, teve início o serviço de jantar. Como entrada, salmão defumado e salada. Os pratos principais eram quatro: filémignon ao molho mostarda; peito de frango com arroz e especiarias; filé de namorado ao molho de moqueca; e ravióli de mozzarella e tomates secos. Depois, queijos e frutas, sundae, cafés, chás e licores. Tudo servido de forma atenciosa. Na classe econômica, a United também capricha: há um drink antes do jantar, três opções de pratos e sobremesas – sorvete ou musse.

MAAGGAAZZI INNEE || 0182. 2. 2001154 148 A Z U LL M

I

recently had a taste of what it’s like to fly in the world’s most advanced jet, United’s Boeing 787 Dreamliner, on a round trip flight to Fort Lauderdale, via Houston. The experience began with the uncomplicated booking on the company's website. On the day before departure, I used the app for check-in and received my boarding passes. No paper to misplace or crumple. Upon arriving at GRU Airport, taking only carry-on luggage, I waited in the airport lounge of Star Alliance, the largest airline alliance, of which United was one of the founders. I took a hot shower in one of the lounge’s private bathrooms. We boarded a brand new Boeing 787, with less than one year of use. I occupied one of the 36 seats in BusinessFirst class. The seating arrangement is 2+2+2, with row spacing (pitch) of 78 inches and seats that recline 180 degrees; there is also the Economy Plus class, with 35-inch pitch, and standard class, with 32-inch pitch. Once I was settled into my seat, I tested the controls within arm’s reach: standard power outlet, USB input, and individual monitor. The windows are also one of the jetliner’s highlights, 40% larger than conventional ones. Soon the engines came to life, proving that the noise level in the Dreamliner is extremely low. We took off on time, and accelerated to Mach 0.85, faster than most commercial jets; on long flights, this difference can reduce the trip by more than an hour. We stabilized at cruising altitude, and dinner service began. As a starter course, smoked salmon


No alto, o Boeing 787 Dreamliner da United e a sala VIP da Star Alliance no Aeroporto de Guarulhos; acima, poltrona da classe BusinessFirst, que reclina até 180 graus Top of page: United’s Boeing 787 Dreamliner, and the Star Alliance lounge at Guarulhos Airport; above: a seat on the BusinessFirst class, which reclines 180 degrees

Enquanto jantava, experimentei o excelente sistema de entretenimento. Bons fones de ouvido e um monitor grande completaram a satisfação. Hora de descansar. Como as poltronas reclinam até 180 graus, o sono foi longo e profundo. Faltando menos de dez minutos para o pouso fui despertado pela tripulação. E tocamos suavemente o solo, às 5h13 (hora local). Após desembarcar, fiz minha transferência para o voo seguinte. O Terminal E do Aeroporto de Houston é novo e prático. Rapidamente entrei no lounge da United e foi lá que tomei um tranquilo café da manhã: frutas vermelhas com iogurte natural, café com leite e cereais. De lá foi um pulo para embarcar no Boeing 737-900ER com destino a Fort Lauderdale. Tão logo nos estabilizamos, foi servido um café com cara de brunch: frutas frescas – e maduras! –, pães, geleias e ovos mexidos. Lá fora, uma manhã cristalina sobre o Golfo do México. Depois de 1h30 de um voo sereno, com acesso a rede Wi-Fi, o Boeing iniciou sua descida e, às 10h57, pousamos, 13 minutos antes do previsto. Uma viagem impecável. É bacana saber que a United e a Azul estão, perdoem-me o trocadilho, unidas. E que, em breve, vão compartilhar voos para cidades como Houston, Newark, Washington, Chicago. Ligados sem escalas ao Brasil pela United, estes quatro "gateways” vão se somar às frequências diárias da Azul para Orlando e Fort Lauderdale, oferecendo nada menos que seis pontos de entrada na terra de Tio Sam. Com o início da rota da Azul para Nova York, em 2016, e mais os voos saindo de Confins, Viracopos, Guarulhos e Galeão, múltiplas opções de origens e destinos entre Brasil e Estados Unidos estarão disponíveis. O céu azul é o limite.

and salad. There were four main courses to choose from: beef tenderloin in mustard sauce; chicken breast with rice and seasoning; fillet of sand perch in moqueca sauce; and mozzarella ravioli with sun dried tomatoes. Afterwards, cheese and fruit, sundae, coffee, tea and liqueur. All served in a caring way. In economy class, United also doesn’t hold back: there’s a pre-dinner drink, choice of three main dishes, and desserts such as ice cream or mousse. As I ate my dinner, I tried out the excellent entertainment system. Good headphones and a large monitor round out flyers’ satisfaction. Time to rest. As the seats recline 180 degrees, my slumber was long and deep. With less than ten minutes to landing, I was awakened by the flight crew. And we touch the ground gently at 5:13 a.m. (local time). After deplaning, I made my connection to the next flight. Houston Airport’s Terminal E is new and practical. I quickly entered the United lounge and it was there that I had a quiet breakfast: yogurt with berries, coffee with milk, and cereal. From there was a short walk to board the Boeing 737-900ER bound for Fort Lauderdale. Once we were at cruising altitude, breakfast was served, which was more like brunch: fresh fruit (and ripe!), rolls, jellies and scrambled eggs. Outside, a crystal clear morning over the Gulf of Mexico. After a serene 90miniute flight, with Wi-Fi access, the Boeing began its descent, and we landed at 10:57 a.m., 13 minutes ahead of schedule. An impeccable trip. It's nice to know that United and Azul are (forgive the pun)... united. And that soon they will be sharing flights to cities such as Houston, Newark, Washington, and Chicago. Connected nonstop to Brazil by United, these four gateways will be added to Azul’s daily flights to Orlando and Fort Lauderdale, offering no less than six entry points to the land of Uncle Sam. With the start of Azul’s route to New York City in 2016, and more flights out of Confins, Viracopos, Guarulhos and Galeão, multiple options of origins and destinations between Brazil and the United States are available. The blue sky is the limit.

149


PUBLIEDITORIAL AZUL CARGO

Mande bem com Azul Cargo. A mais ágil e pontual no transporte de carga aérea. Com presença em mais de 3.500 municípios, o serviço de entregas expressas porta a porta da Azul Cargo já é referência no mercado e, assim como as operações da Azul, mantém a alta confiabilidade demonstrada desde o início das operações. Fator primordial para o sucesso da Azul Cargo é a segurança, o que norteia o modo com que manuseia e transporta suas remessas, além de ser o primeiro valor da companhia. Produtos com alto valor agregado recebem no transporte aéreo um tratamento seguro, com poucos transbordos, tempo mínimo de permanência em armazéns e entregas rápidas ao destinatário, evitando assim riscos de roubos, perdas e avarias. Os clientes da Azul Cargo contam com um alto padrão de atendimento pós-vendas.

Para remessas urgentes, que podem ser despachadas até duas horas antes da decolagem de um voo e retiradas até duas horas após a chegada.

Entrega em domicílio ou retirada da carga no dia seguinte ao dia do envio para remessas destinadas às capitais e principais cidades brasileiras.*

Indicado para cargas de maior volume, e que tenham um prazo mais flexível para a chegada ao destino.

Serviço customizado para clientes de e-commerce que tenham distribuição frequente de pequenas encomendas.

Garante entrega porta a porta ou retirada até as 10h horas da manhã do dia seguinte ao dia do envio. Consulte lista de cidades atendidas.

Tarifas reduzidas para documentos até 100g.

Para informações sobre localidades atendidas, endereços das lojas, horários de atendimento, horários limite de despacho, restrições e rastreamento das remessas, ligue (11) 4003-8399 ou acesse: azulcargo.com.br


AZU I S | F R O T A

Nossas aeronaves

Our aircraft

ATR 42-500 Quantidade de aeronaves/Number of aircraft: 4 Alcance/Scope: 1.555km Velocidade/Speed: 450km/h (Cruzeiro/Cruise); 494km/h (Máxima/Maximum) N° de assentos Economy/N° of Economy-class seats: 48 Peso máximo de decolagem/Maximum Takeoff Weight: 18.600kg Dimensões/Dimensions: 22,67m (Comprimento/Length); 24,57m (Envergadura/Wing Span); 7,59m (Altura/Height)

ATR 72 500/600 Quantidade de aeronaves/Number of aircraft: 50 Alcance/Scope: 1.650km Velocidade/Speed: 511km/h (Cruzeiro/Cruise); 560km/h (Máxima/Maximum) N° de assentos Economy/N° of Economy-class seats: 70 Peso máximo de decolagem/Maximum Takeoff Weight: 23.000kg Dimensões/Dimensions: 27,17m (Comprimento/Length); 27,05m (Envergadura/Wing Span); 7,65m (Altura/Height)

EMBRAER 190 Quantidade de aeronaves/Number of aircraft: 22 Alcance/Scope: 4.500km Velocidade/Speed: 850km/h (Cruzeiro/Cruise); 890km/h (Máxima/Maximum) N° de assentos Economy/N° of Economy-class seats: 106 Peso máximo de decolagem/Maximum Takeoff Weight: 51.800kg Dimensões/Dimensions: 36,24m (Comprimento/Length); 28,72m (Envergadura/Wing Span); 10,55m (Altura/Height)

EMBRAER 195 Quantidade de aeronaves/Number of aircraft: 60 Alcance/Scope: 4.100km Velocidade/Speed: 850km/h (Cruzeiro/Cruise); 890km/h (Máxima/Maximum) N° de assentos Economy/N° of Economy-class seats: 118 Peso máximo de decolagem/Maximum Takeoff Weight: 52.290kg Dimensões/Dimensions: 38,65m (Comprimento/Length); 28,72m (Envergadura/Wing Span); 10,55m (Altura/Height)

Airbus A330 Quantidade de aeronaves/Number of aircraft: 7 Alcance/Scope: 13.400km Velocidade/Speed: 871km/h (Cruzeiro/Cruise); 913km/h (Máxima/Maximum) N° de assentos Economy/N° of Economy-class seats: 248 (PR-AIV & PR-AIZ); 251 (PR-AIX, PR-AIY & PR-AIW) N° de assentos Business/Number of Business-class seats: 24 (PR-AIV & PR-AIZ); 27 (PR-AIX, PR-AIY & PR-AIW) Peso máximo de decolagem/Maximum Takeoff Weight: 230.000kg Dimensões/Dimensions: 58,82m (Comprimento/Length); 60,30m (Envergadura/Wing Span); 17,39m (Altura/Height)

151


AZU IS | L I N H A S D E Ô N I B U S

Transporte exclusivo

Exclusive transport

São Paulo

CLIENTES AZUL CONTAM COM VÁRIOS ÔNIBUS EM SÃO PAULO E EM SANTA CATARINA. CONFIRA AS ROTAS E OS HORÁRIOS AZUL CUSTOMERS CAN RELY ON SEVERAL BUSES IN SÃO PAULO AND SANTA CATARINA. CHECK OUT THE ROUTES AND SCHEDULES

A Azul oferece ônibus executivos gratuitos, com Wi-Fi e ar-condicionado, em lugares estratégicos nos estados de São Paulo e Santa Catarina. Entre a capital paulista e o Aeroporto de Viracopos, em Campinas, a companhia opera linhas de 30 em 30 minutos. Para utilizar o serviço apresente seu cartão de embarque ou seu itinerário 15 minutos antes da partida do ônibus.

Campinas (Viracopos) Shopping Tamboré (Alphaville)

Terminal Barra Funda (São Paulo-SP)

Sorocaba Aeroporto de Congonhas (São Paulo-SP)

Azul offers free executive buses, with Wi-Fi and air conditioning, at strategic locations in the states of São Paulo and Santa Catarina. Between the São Paulo capital and Viracopos Airport, in Campinas, the company operates lines every 30 minutes. To use the service, present your boarding pass or itinerary 15 minutes before the departure of the bus.

Shopping Eldorado (São Paulo-SP)

Santa Catarina Blumenau

Navegantes

Aeroporto de Congonhas > Aeroporto de Viracopos > Aeroporto de Congonhas Congonhas Airport > Viracopos Airport > Congonhas Airport

segunda a sexta / monday to friday Congonhas > Viracopos

Viracopos > Congonhas

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

4:00 5:00 6:00 7:00 8:00 9:00 10:00 11:00 12:00 13:00 14:00 15:00 16:00 17:00 18:00 19:00 20:00

5:30 6:30 7:30 8:30 9:30 10:30 11:30 12:30 13:30 14:30 15:30 16:30 17:30 18:30 19:30 20:30 21:30

5:45 6:45 7:45 8:45 9:45 10:45 11:45 13:45 14:45 15:45 16:45 17:45 18:45 19:45 20:45 21:45 22:45 23:45 0:45

Chegada /Arrival

7:15 8:15 9:15 10:15 11:15 12:15 13:15 15:15 16:15 17:15 18:15 19:15 20:15 21:15 22:15 23:15 0:15 1:15 2:15

sábados / saturdays Congonhas > Viracopos

domingos / sundays

Viracopos > Congonhas

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

4:00 5:30 6:30* 8:30* 10:30* 12:30* 15:00* 18:00 19:00*

5:30 7:00 8:00 10:00 12:00 14:00 16:30 19:30 20:30

6:15 8:15* 9:45 11:15* 12:15 13:15* 16:15* 17:15 19:15* 21:45 23:15*

Chegada /Arrival

7:45 9:45 11:15 12:45 13:45 14:45 17:45 18:45 20:45 23:15 0:45

Congonhas > Viracopos

Viracopos > Congonhas

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

4:30* 6:30 8:30* 10:00 12:00* 14:00 15:00* 16:00 18:30 19:30*

6:00 8:00 10:00 11:30 13:30 15:30 16:30 17:30 20:00 21:00

7:15 10:15 12:15* 13:45* 15:45* 17:15 19:15* 20:45 22:15* 23:15*

Chegada /Arrival

8:45 11:45 13:45 15:15 17:15 18:45 20:45 22:15 23:45 0:45

*ônibus com parada no Shopping Eldorado / *buses stopping at Eldorado Shopping 2. 2 0 1 5 154 A Z U L M A G A Z I N E | 0 7


Shopping Eldorado > Aeroporto de Viracopos > Shopping Eldorado Eldorado Shopping > Viracopos Airport > Eldorado Shopping

segunda a sexta / monday to friday

sábados / saturdays

domingos / sundays

Shopping Eldorado > Viracopos

Viracopos > Shopping Eldorado

Shopping Eldorado > Viracopos

Viracopos > Shopping Eldorado

Shopping Eldorado > Viracopos

Viracopos > Shopping Eldorado

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

4:30 5:30 6:30 7:30 8:30 9:30 10:30 11:30 13:30 14:30 15:30 16:30 17:30 18:30 19:30 20:30

6:00 7:00 8:00 9:00 10:00 11:00 12:00 13:00 15:00 16:00 17:00 18:00 19:00 20:00 21:00 22:00

6:15 7:15 8:15 9:15 10:15 11:15 12:15 13:15 14:15 15:15 15:45 17:15 18:15 19:15 20:15 21:15 22:15 23:15 0:15

7:45 8:45 9:45 10:45 11:45 12:45 13:45 14:45 15:45 16:45 17:15 18:45 19:45 20:45 21:45 22:45 23:45 0:45 1:45

4:00 5:30 7:00 9:00 11:00 13:00 15:30 18:30 19:30

5:30 7:00 8:30 10:30 12:30 14:30 17:00 20:00 21:00

5:45 8:15 9:15 11:15 13:15 16:15 17:45 19:15 20:45 23:15

7:15 9:45 10:45 12:45 14:45 17:45 19:15 20:45 22:15 0:45

5:00 7:00 9:00 10:30 12:30 14:30 15:30 16:30 18:30 19:30 20:00

6:30 8:30 10:30 12:00 14:00 16:00 17:00 18:00 20:00 21:00 21:30

5:45 9:45 12:15 13:45 15:45 17:45 19:15 20:15 21:15 22:15 23:15 0:15

7:15 11:15 13:45 15:15 17:15 19:15 20:45 21:45 22:45 23:45 0:45 1:45

Terminal Barra Funda > Aeroporto de Viracopos > Terminal Barra Funda Barra Funda Terminal > Viracopos Airport > Barra Funda Terminal

segunda a sexta / monday to friday Barra Funda > Viracopos

sábados / saturdays

Viracopos > Barra Funda

Barra Funda > Viracopos

domingos / sundays

Viracopos > Barra Funda

Barra Funda > Viracopos

Viracopos > Barra Funda

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

4:00 5:30 6:30 7:30 8:30 9:30 11:00 13:00 14:30 15:30 16:30 17:30 18:30 19:30 20:30

5:30 7:00 8:00 9:00 10:00 11:00 12:30 14:30 16:00 17:00 18:00 19:00 20:00 21:00 22:00

6:15 7:15 8:45 9:45 11:45 13:45 15:45 16:45 17:45 19:15 20:45 21:45 22:15 23:15

7:45 8:45 10:15 11:15 13:15 15:15 17:15 18:15 19:15 20:45 22:15 23:15 23:45 0:45

4:30 5:30 6:30 9:00 11:00 14:30 16:00 17:30 19:00 20:00

6:00 7:00 8:00 10:30 12:30 16:00 17:30 19:00 20:30 21:30

6:15 7:15 7:45 8:45 10:15 12:45 13:45 16:45 17:15 19:15 21:15 23:45

7:45 8:45 9:15 10:15 12:45 14:15 15:15 18:15 18:45 20:45 22:45 1:15

5:30 7:00 8:30 10:30 13:00 14:30 15:30 16:30 18:00 19:00 19:30

7:00 8:30 10:00 12:00 14:30 16:00 17:00 18:00 19:30 20:30 21:00

7:15 9:45 12:15 13:45 15:45 17:45 19:45 20:45 21:45 22:45 23:45

8:45 11:15 13:45 15:15 17:15 19:15 21:15 22:15 23:15 0:15 1:15

Shopping Tamboré > Aeroporto de Viracopos > Shopping Tamboré Tamboré Shopping > Viracopos Airport > Tamboré Shopping

segunda a sexta / monday to friday Tamboré > Viracopos

Viracopos > Tamboré

sábados / saturdays Tamboré > Viracopos

domingos / sundays

Viracopos > Tamboré

Tamboré > Viracopos

Viracopos > Tamboré

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

Saída/Departure

Chegada /Arrival

4:00 5:30 7:00 9:00 10:30 13:00 14:00 15:30 17:00 19:00 20:00

5:30 7:00 8:30 10:30 12:00 14:30 15:30 17:00 18:30 20:30 21:30

6:45 8:45 10:15 12:15 13:45 16:45 17:45 19:45 21:45 23:45

8:15 10:15 11:45 13:45 15:15 18:15 19:15 21:15 23:15 1:15

4:00 5:30 7:00 9:00 11:00 15:00 18:30 20:00

5:30 7:00 8:30 10:30 12:30 16:30 20:00 21:30

6:45 9:15 10:45 12:15 13:45 16:15 18:15 21:15 23:15

8:15 10:45 12:15 13:45 15:15 17:45 19:45 22:45 0:45

5:30 7:00 10:30 13:00 15:00 17:00 19:00 20:00

7:00 8:30 12:00 14:30 16:30 18:30 20:30 21:30

7:15 10:15 11:45 13:45 15:45 18:15 20:15 22:15 23:15

8:45 11:45 13:15 15:15 17:15 19:45 21:45 23:45 0:45

155


AZU IS | E X P E R I Ê N C I A A Z U L

Experiência

Azul

Azul Experience

NESTA SEÇÃO, REUNIMOS ALGUMAS DICAS IMPORTANTES PARA TORNAR SUA VIAGEM SEGURA, TRANQUILA E CONFORTÁVEL IN THIS SECTION, WE LIST SOME IMPORTANT TIPS FOR MAKING YOUR TRIP SAFE, PEACEFUL AND COMFORTABLE

Aeroporto

Bagagem

Luggage

Na hora de preparar sua mala, lembre-se: o limite total para bagagem despachada é de 23kg. A de mão deve pesar até 5kg e não pode conter objetos cortantes e inflamáveis.

When packing your suitcase, remember: the total limit for checked baggage is 23kg. Carry-on luggage must weigh no more than 5kg and must not contain any sharp or flammable objects.

Airport

A Azul recomenda que você chegue ao aeroporto pelo menos uma hora antes de seu embarque, no caso de voos nacionais. E duas horas antes, em viagens aos EUA.

TudoAzul

TudoAzul

Para garantir pontos no programa de vantagens informe sempre seu CPF em suas reservas ou na hora do check-in. Se você ainda não é Cliente TudoAzul, cadastre-se e ganhe 1.000 pontos de boas-vindas.

To ensure your points for the loyalty program, always give your CPF number when booking flights or at the time of check-in. If you’re not yet a TudoAzul Client, sign up now and get 1,000 points as our welcoming gift. VOEAZUL.COM.BR/TUDOAZUL/AZUL-MAGAZINE

Azul recommends that you get to the airport at least one hour prior to your departure, in case of domestic flights. And two hours earlier when travelling to the USA.

Bem-Estar

Well-Being

- Faça uma alimentação leve e hidrate-se bem antes de embarcar - Prefira viajar com roupas confortáveis - Caso se sinta mal durante o voo, se necessário, utilize o saquinho disponível no bolsão à sua frente - Se sentir um desconforto nos ouvidos devido à mudança de altitude, tampe o nariz e engula saliva algumas vezes. - Have a light meal and make sure you’re well-hydrated before boarding - Choose comfortable clothing for flying - If you feel ill during the flight, if necessary, please use the airsick bag available in the seat-back pocket in front of you - If you experience discomfort in your ears due to changes in altitude, cover your nose and swallow your saliva a few times.

156 A Z U L M A G A Z I N E | 01 82 .. 22 001154

Ônibus Azul

Documentos

Documents

Sempre que viajar com a Azul, tenha em mãos um documento de identificação em bom estado e com foto. Apresente-o no balcão de check-in e no portão de embarque. Whenever you fly with Azul, please have a valid photo ID in good condition with you. Show it at the check-in counter and at the boarding gate.

Azul Bus

Serviços de ônibus para o aeroporto estão disponíveis em São Paulo e Santa Catarina. Não é necessário fazer reserva. Apenas apresente seu cartão de embarque. Confira a tabela de horários em nossos canais de atendimento e no site. Bus service to the airport is available in São Paulo and Santa Catarina. No reservation is needed. Just show your boarding pass. Check out the timetables on our service channels and on our website.


Dicas para o

check-in

Tips for check-in

A AZUL OFERECE CINCO MANEIRAS DIFERENTES PARA REALIZAR O SEU CHECK-IN. ESCOLHA A QUE MELHOR SE ADAPTA ÀS SUAS NECESSIDADES AZUL OFFERS FIVE DIFFERENT WAYS TO HANDLE YOUR CHECK-IN. CHOOSE THE ONE THAT BEST SUITS YOUR NEEDS

Totem check-in

Para os Clientes que preferem o método tradicional de check-in, a Azul disponibiliza totens de autoatendimento nos aeroportos.

For customers who prefer the traditional method of check-in, Azul offers self-service totems at airports.

SMS check-in

Basta enviar um SMS para o número 26990 com o localizador do voo ou o CPF do passageiro. Ao final do processo, o Cliente recebe um SMS com o link para o acesso ao cartão de embarque. Just send a text message to 26990 with the reservation code or passenger’s CPF number. At the end of the process, you will receive a text message with a link to access your boarding pass.

App check-in

Com o aplicativo da Azul, disponível gratuitamente para os sistemas iOS e Android, o bilhete fica guardado no passbook do smartphone e é possível embarcar mostrando apenas a tela do aparelho.

With the Azul app, available free-of-charge for iOS and Android systems, the ticket is saved in the smartphone’s passbook and you can board just by showing the screen of your device.

Web check-in

No site da Azul é possível fazer o check-in de forma rápida e simples a partir de 48 horas antes de seu embarque. Perfeito para quem tem fácil acesso a computadores e quer economizar tempo.

On Azul’s website, you can check in quickly and easily up to 48 hours prior to your departure. Perfect for those who have easy access to computers and want to save time.

Fast check-in

Para utilizar esta opção é preciso apenas digitar o endereço FC.VOEAZUL.COM.BR no navegador do celular e inserir uma das quatro alternativas de informação: número do localizador, RG, CPF ou número do Tudo Azul.

To use this option, you need only to enter the address FC.VOEAZUL.COM.BR in the browser of your mobile device and enter one of four information alternatives: reservation code, RG, CPF or TudoAzul number.

157


AZU I S | M A P A D E R O T A S

Orlando Ft. Lauderdale/Miami

Boa Vista

Porto Trombetas

Macapá Belém

Santarém

Manaus

São Luís

Parintins

Parnaíba

Altamira

Tefé

Tucuruí

Tabatinga Itaituba

Marabá Imperatriz

Fortaleza

Teresina

Natal

Carajás

Fernando de Noronha

Juazeiro do Norte João Pessoa Recife

Porto Velho Alta Floresta

Rio Branco Ji-Paraná

Petrolina Paulo Afonso

Palmas Barreiras

Cacoal

Aracaju Lençóis

Vilhena

Feira de Santana Valença

Vitória da Conquista

Brasília

Cuiabá

Goiânia

Rondonópolis

Patos de Minas

Rio Verde

Caldas Novas Uberlândia

Corumbá

Bonito

Araxá

Uberaba S. J. do Rio Preto

Campo Grande

Divinópolis

Três Lagoas

Araçatuba Ribeirão Preto Presidente Prudente Bauru Dourados Marília

Our route network

Pelos ares

SÃO 104 DESTINOS, MAIS DO QUE O DOBRO DA CONCORRÊNCIA, EM 850 VOOS DIÁRIOS THERE ARE 104 DESTINATIONS, MORE THAN TWICE AS MANY AS THE COMPETITION, ON 850 DAILY FLIGHTS

Maceió

Sinop

Campinas

Londrina

Maringá

São Paulo (Congonhas)

Cascavel

Salvador

Ilhéus

Montes Claros Porto Seguro Teixeira de Freitas Governador Valadares Ipatinga (Confins) Belo Horizonte (Pampulha)

Vitória Zona da Mata Campos dos Goytacazes Macaé Cabo Frio Dumont) Rio de Janeiro (Santos (Galeão)

São Paulo

(Guarulhos)

Curitiba

Foz do Iguaçu Chapecó

Joinville

Passo Fundo Caxias do Sul

Navegantes Florianópolis Criciúma

Santa Maria Porto Alegre Pelotas

159


A ZUI S

PA N O R Â M I C A Paulo Pampolin

Escala urbana Urban scale

Este clique foi feito em maio de 2008, quando Paulo Pampolin registrava a inauguração da Ponte Estaiada, em São Paulo. “É uma cena muito emblemática da cidade. Os funcionários minúsculos perante o cartão-postal monumental, assim como nós, cidadãos, diante da imensidão da megalópole”, diz o fotógrafo. This picture was taken in May 2008, when Paulo Pampolin was shooting the official opening of the cable-stayed bridge in São Paulo. “It’s a very emblematic scene of the city. The tiny public officials standing before the monumental sight, just as we ordinary citizens are, vis-à-vis the immensity of the megalopolis”, says the photographer.


Azul 28 completa  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you