DiverCidades - Dezembro/2021

Page 1

Revista

ANO XVIII . Nº 58 . MACAÉ/RJ DEZEMBRO/2021 . DISTRIBUIÇÃO DIRIGIDA E GRATUITA

ALTINHA EM MACAÉ Esporte que tem como fundamento principal não deixar a bola cair, une paixão, amizade, saúde e estilo de vida, conquistando os macaenses nas praias da cidade

Como a perda auditiva afeta a qualidade de vida dos idosos

Thais Pessanha lança o livro “Sobre Rodas”

ES

A SE

A piscina vira um sonho de consumo na pandemia

TE

R1

É

GENTE QUE FAZ

AT U IT A G U! P ODE PE

Ã

SAÚDE

GR

D IS T R IB U IÇ

DECORAÇÃO

O

R

O número de praticantes da Altinha tem crescido em todo o país. E Macaé não fica atrás. Na foto acima, Lucca Rosseto, Vitor Martins, Olívia Losant e Mariana Martins (de preto)

E XE MPLA


2


3


4


5


EDITORIAL & ÍNDICE

C

hegamos ao final de 2021 na velocidade da luz. Talvez porque, em 2020, no auge da pandemia e da quarentena, estivéssemos presos em casa, como uma mola encolhida e, com a retomada da vida normal por conta da vacinação, fomos fazendo tudo que estava represado pra recuperar todo o tempo parado. O importante é que estamos virando mais um ano das nossas vidas e, entre perdas e saudades, vem a esperança de celebrar de novo com os amigos e a família, sendo o abraço apertado o maior presente para quem amamos. Nesse contexto, o verão bate à nossa porta, com muito sol, luz e cores pulsando em vida, com a volta às praias da nossa querida Macaé. Daí veio a inspiração para nossa matéria de capa. A Altinha, uma brincadeira da infância onde não se podia deixar a bola cair em uma roda de amigos, que chamávamos de “controle”. Hoje, a modalidade virou um esporte que tem conquistado fãs em todo o país. Em Macaé, encontramos um pessoal das antigas e muita gente nova com uma história interessante pra contar. Outro assunto que abordamos nesta edição é o crescimento do número de pessoas que resolveram fazer uma piscina em suas casas, principalmente após o início da pandemia, com a matéria “Uma piscina para chamar de sua”. Aproveitamos a edição de Fim de Ano, onde as famílias se reúnem, para abordar um tema relevante para a saúde na terceira idade, a Perda Auditiva ou “Presbiacusia”, que afeta os idosos a partir dos 70/80 anos. Além da perda do contato social e familiar, esse processo pode acarretar problemas graves como depressão, demência e até Alzheimer. A boa notícia é que existe tratamento, com os aparelhos auditivos, mais modernos e eficazes. Para fechar a edição, a nossa seção Gente que Faz traz a inspiradora Thais Pessanha, que acaba de lançar seu livro “Sobre Rodas”, um romance que traz representatividade para os PCDs (pessoas com deficiência). O livro conta a história de Olímpia, uma menina que é cadeirante e tem o sonho de participar das Olimpíadas conduzindo a bandeira brasileira. Vale conferir! Boa leitura e Boas Festas para todos nós! DIRETOR GERAL

74

70

ALTINHA EM MACAÉ EXPEDIENTE

A revista DVCD é uma publicação do Grupo DiverCidades com tiragem de 5.000 exemplares por edição, distribuição dirigida UMA PISCINA PRA e gratuita aos públicos A, B de Macaé. CHAMAR DE SUA Rua Dolores Carvalho Vasconcelos, 270 Sobreloja Bairro da Glória - Macaé/RJ • CEP: 27.937-600 • Direção geral: Gianini Coelho - Tel: (22) 99985-5645 Obs: os textos assinados por terceiros, que não sejam colaboradores da revista, são de total responsabilidade de seus autores.

6

Arquivo

FIM DE ANO, VERÃO, FÉRIAS... A ALTINHA CONQUISTA AS PRAIAS DA CIDADE

82

GENTE QUE FAZ THAIS PESSANHA

10 #VCnadivercidades 12 De Tudo um Pouco 20 22 24 26 28 30 31 32 34 36 37 38 40 42 44 46 48 49 50 52 53 54 56 58 60 61 62 64 66 67

Arquitetura & Decor

Criare Macaé - Cláudia Augusta Brontelli Móveis Industrial Art Janágila Ribeiro e Thaís Tinoco

Pessoas & Negócios

Colégio Atlântico Dra. Marlene Sessim Immense Home Alphaville Boulevard Jardim dos Descobridores Nana Nogueira by Todeschini Carbono Zero Casa Humanize Michele Monteiro Clínica Integrada Aline Sanches by Italínea Fernanda Maia by Italínea Bioanálise Laboratório Glam by Marcelo Muquici Clínica Mariana Célem High Supply Offshore Maximus Studio Essencial Aviamentos e Artesanato Posto Príncipe 50 anos Aliança Soluções Moreira Portes Contabilidade Feito com Arte Gastronomia Clínica Tatiane Viegas Villa Mercado Espaço Raiz Forneria Giorgio Express Óticas Opção 25 anos

COLABORADORES DESTA EDIÇÃO

A Cidade 70 Altinha em Macaé 74 Uma piscina pra chamar de sua 78 Perda auditiva na terceira idade

Editor: Gianini Coelho | Jornalistas: Leila Pinho, Tathiana Campolina, Juliana Carvalho, Alysson Nogueira, Renatta Viana e Raphael Bózeo | Foto da Capa: Raphael Bózeo | Fotografia: Alle Tavares | Revisão: Bárbara Coelho | Publicidade: Gianini Coelho (22) 99985 5645 @divercidadesmacae | grupodivercidades

Gente que Faz 82 Thais Pessanha


7


8


9


VC NA DIVERCIDADES

#VC NA DIVERCIDADES @serramaradventure

AQUI, SUAS FOTOS SÃO O DESTAQUE, VALORIZANDO VC E A NOSSA MACAÉ

N

a última edição do ano, decidimos escolher fotos que valorizassem um item que tem fez muita falta na Primavera: o Sol. Depois de vários fins de semana de chuva, procuramos fotos marcadas com a nossa #VCnadiverCidadeS que valorizassem o nosso astro rei, e também os dias ensolarados, que nos estimulam a praticar atividades ao ar livre, como um pedal na Praia do Cantinho ou pegar umas ondas na Praia do Pecado. Assim, com esta bela seleção dos nossos colaboradores da seção, damos boas vindas ao Verão e que ele nos traga energia positiva para superarmos todos os novos desafios do ano que se inicia. Boas Festas a todos!!!

@euamoimbetiba A cada nascer do sol na Praia da Imbetiba, Luciana Taliati renova suas energias

leandrofocaoficial2012

Acordar cedo, se inspirar com o narcer do sol, colocar um sorriso no rosto e sair para conquistar o mundo. Praia do Cantinho Foto: @danidaninovo

@marco_antonio_ferraz01

@praiadopecado

O mar lindo da Praia do Pecado, combinando com o calçadão visto de cima pelo drone de Marcos Ferraz

10

Use a #vcnadivercidades nos seus cliques de Macaé. Sua foto poderá ser escolhida para ilustrar esta seção da revista.

De vez em quando, tudo se alinha... Praia do Pecado Foto: @joannadcohen

Leandro Foca sempre registra as pessoas começando o dia praticando o surfe, onde o contato direto com a natureza faz a diferença


11


DE TUDO UM POUCO

Leandro Foca

Na foto ao lado, Guto Mattos em ação com sua André Surfboards na Praia do Barreto. Acima, o shaper André Luis com algumas das suas pranchas

ANDRÉ SURFBOARDS

GUTO MATTOS REPRESENTA O SHAPER NO ESTADO DO RIO, DESENVOLVENDO PRANCHAS PERSONALIZADAS

O

surfe cresceu bastante no Brasil, principalmente, depois das recentes conquistas internacionais de Ítalo Ferreira e Gabriel Medina. Para os praticantes do esporte que estão buscando evoluir, a confecção de uma prancha personalizada, levando em conta o nível de surfe e suas medidas, é fundamental para se chegar lá. Nesse ponto, as pranchas do shaper de Aracajú, André Luis, têm conquistado os macaenses desde 2018, com a representação da marca André Surfboards por Guto Mattos em todo o Estado do Rio, oferecendo

um equipamento de alta qualidade e com uma ótima relação custo-benefício para seus clientes. “O André só trabalha com material de primeira linha, como blocos da TecCell e resinas importadas, além de pinturas personalizadas que, junto com o projeto, são feitas sob medida para a pessoa, o que tem atraído vários fãs da marca em todo o país”, destaca Guto. Uma dessas pessoas é o surfista profissional e gerador de conteúdo de surfe Arthur Cerqueira (@arthuznho), que tem mais de 60 mil seguidores e é patrocinado pela André Surfboards, divulgando a marca nos seus vídeos. Encomendas pelo Whatsapp: 22 98837-2555 ou pelo Instagram: @gm68surf

LOLITA

SOBRANCELHAS E MICROPIGMENTAÇÃO

A

12

história da mineira Carolina Gouveia é muito interessante. Ela saiu de Três Corações para estudar medicina veterinária na UFFRJ, no Rio de Janeiro. Sua mãe tinha salão em Minas e, como sempre a ajudava, passou a ter habilidades com estética. Assim, ela decidiu fazer sobrancelhas pelos corredores da faculdade, como uma fonte de renda. O negócio deu tão certo, que ela percebeu qual era o seu dom, sobrancelhas. Trancou o curso, foi morar com seu ex-namorado em Rio das Ostras e, através de um amigo, foi indicada para trabalhar no salão do Alex Manzo, em Macaé, onde fez boas amizades e construiu sua carteira de clientes. Depois de 3 anos, ela saiu do salão e passou a atender na sua casa. Mesmo com a chegada da pandemia, não desanimou e seguiu firme na sua trajetória. Grávida do seu antigo relacionamento, seu filho José foi o motivo de querer dar mais um passo adiante. “Com a reabertura do mercado e com o apoio e incentivo da minha cliente e amiga Regina Augusto consegui empreender e abrir o Lolita Sobrancelhas e Micropigmentação, fruto de anos de trabalho e dedicação a esta minha paixão, de transformar e embelezar as mulheres”, revela Carolina. O Lolita fica na Praia Campista, na Av. Atlântica, 1160, lj 01 e oferece os serviços de Design e Micropigmentação de Sobrancelhas, Micropigmentação Labial, Lash Lifting, Brow Lamination, Hidragloss Lips, manicure, alongamento de unhas e Depilação Egípcia. Agendamentos pelo WhatsApp - Tel: 22 99968-4336 e pelo Instagram: @lolitasobrancelhasemicro

Carolina Gouveia montou o Lolita Sobrancelhas e Micropigmentação este ano para atender suas clientes com mais conforto e praticidade


CUIDADOS COM OS PÉS NA 3ª IDADE

ÉRICA AZEVEDO E SUELLEN CHAGAS DESTACAM A IMPORTÂNCIA DA PODOLOGIA PARA OS IDOSOS

A

Podologia Geriátrica tem o objetivo de prevenir doenças nos pés causadas ou agravadas na fase do envelhecimento, trazendo assim a saúde dos pés da pessoa idosa e, consequentemente, proporcionando melhoras na sua qualidade de vida. “A Podogeriatria cuida dos pacientes na terceira idade, pois nessa fase muitos não conseguem cuidar de si mesmo, devido a vários fatores físicos, como por exemplo: baixa visão, mobilidade e flexibilidade física, obesidade, má circulação, entre outras, dificultando bastante nos autocuidados e nos tratamentos de calos, fissura, frieiras, corte das unhas, unhas encravadas ou infeccionadas, micoses e fungos, unhas grossas”, pontua a técnica de enfermagem e podóloga Érica Azevedo. Já a enfermeira podiatra Suellen Azeredo de Almeida Chagas destaca que, na 3ª idade, muitas doenças dos pés são tratadas e prevenidas com a orientação correta dos calçados dos pacientes e também com o uso de palmilhas. “Usando as palmilhas e outros dispositivos ortopédicos (órteses), que alteram a posição ou amplitude de movimento dos pés, conseguimos aliviar a pressão nas articulações afetadas, áreas doloridas, melhorando a circulação nos pés”, fala Suellen. A podóloga também tem um papel importante na orientação do idoso, da família e dos cuidadores envolvidos, podendo ainda encaminhar para médicos especialistas de acordo com as necessidades do paciente. Contatos: Érica Azevedo 22 99738-2805 Suellen Chagas 22 99969-2799

A técnica em enfermagem e podóloga Erica Azevedo e a enfermeira podiatra Suellen Chagas se uniram para oferecer um serviço completo para melhorar a qualidade de vida dos idosos através da saúde dos seus pés

RICARDO BADARÓ A MUSICALIZAÇÃO INFANTIL E A PRIMEIRA INFÂNCIA

M

usicalizar é se comunicar e a comunicação, quando musicalizada, se torna uma ferramenta primordial para o desenvolvimento infantil. Ao contrário do que se pensa, a musicalização não é apenas atividade recreativa e o intuito é desenvolver coordenação motora, desenvolvimento cognitivo, linguístico, psicomotor e sócioafetivo, simbologia, compreensão de contexto, socialização, percepção e, dentre tantos outros benefícios, a musicalidade da criança. Segundo o educador musical, graduando em Pedagogia e Musicoterapia pela UFRJ Ricardo Badaró, a abordagem utilizada é lúdica e pode ser aplicada em bebês a partir do quarto mês. “Na musicalização infantil, existe o processo de sensibilização. Ouvir, cantar e estar em conjunto: crianças e pais. A primeira infância é uma das fases mais importantes do desenvolvimento da criança. Tudo que se aprende até os 6 anos de idade pode influenciar na vida adulta, e a música, nesta etapa do desenvolvimento, é uma aliada dos pais para estimular os filhos, desde pequenos, a manterem o foco, a serem criativos e se expressarem melhor”, explica o professor Ricardo, lembrando que a musicalização pode ser incentivada desde a gestação. Para que tem interesse em conhecer mais a musicalização infantil, entrar em contato com Ricardo Badaró pelo Instagram @ricardobadarooficial ou pelo WhatsApp (22) 98163-0286.

O educador musical Ricardo Badaró diz que a músicalização não é apenas uma atividade recreativa. Ela ajudda no desenvolvimeto da coordenação motora, linguístico e sócioafetivo das crianças

13


DE TUDO UM POUCO

CINTHIA MELO NUTRI

O Espaço Nutridisciplinar, criado por Cinthia Mello, foi projetado para despertar o universo dos alimentos para as crianças de uma forma lúdica. As Oficinas Culinárias apresentam os alimentos para os pequenos com várias atividades em grupo

NUTRICIONISTA OFERECE TERAPIA ALIMENTAR E PROMOVE OFICINAS PARA AS CRIANÇAS

N

o seu Espaço Nutridisciplinar inaugurado em agosto, nos Cavaleiros, a nutricionista infantil Cinthia Melo realiza atendimentos desde a introdução alimentar até 12 anos, com foco no tratamento da seletividade/dificuldades alimentares e obesidade infantil. “A terapia alimentar ajuda muito no processo da aprendizagem do comer, tanto a criança que não come, como aquela que come demais”, afirma Cinthia. Além disso, Cinthia está promovendo oficinas para os pequenos, já tendo realizado quatro edições, sendo um sucesso. As oficinas

fazem parte do Projeto de Educação Alimentar e Nutricional Brincar e Nutrir, desenvolvido por Cinthia para auxiliar os responsáveis a estimularem uma alimentação saudável para seus filhos. A oficina possui, em média, duas horas de duração e tem como objetivo aproximar as crianças dos alimentos de forma lúdica, divertida e prazerosa, através de várias atividades em grupo. A Oficina Brincar e Nutrir é itinerante, podendo ser feita em creches, escolas, condomínios e até em festas de aniversário. O mês de janeiro promete muitas oficinas de contação de história, culinária, dentre outras. Informações pelo Whatsapp: 22 99747-0556 ou pelo Instagram: @cinthiamelonutri

MACAÉ TEM TURISMO

PÁGINA APRESENTA AS BELEZAS NATURAIS E O GRANDE POTENCIAL TURÍSTICO DA CIDADE

J

14

õao Guedes Neto é Bacharel em Direito e chegou em Macaé em 2008. Natural de Águas Frias, em Santa Catarina, logo se encantou pelas belezas naturais da cidade. Mas ficava intrigado quando diziam que Macaé só tinha petróleo, pois percebia que a cidade tinha um potencial turístico não aproveitado, tanto no litoral quanto na região serrana. Há três anos, João decidiu criar uma forma de mostrar esse potencial para todo mundo, criando sua página no Instagram @macaetemturismo, onde ele apresenta os pontos turísticos do município, registrados pela população. “Para o processo de produção de conteúdo, conto com a participação das pessoas que, assim como eu, amam Macaé, registram a cidade em fotos, e marcam a #macaetemturismo nesses clicks, para que eu possa repostar no nosso Instagram, tanto no Feed quanto nos Stories”, destaca João que, recentemente, fechou uma parceria com o GDDrone Imagens e Macaé Drone Clips, com fotos aéreas apresentando belos ângulos da cidade para seus seguidores, além de Otto Motta, responsável pela divulgação e pelo marketing. A página tem crescido de forma orgânica e já conta com mais de 3.600 seguidores. O próximo passo de João será divulgar toda a infraestrutura ligada ao turismo da cidade, como: hotéis, restaurantes, pousadas, comércio e serviços para os turistas e para seus usuários. João Guedes Neto veio de Santa Catarina para trabalhar em Macaé e se apaixonou pelas Contatos comerciais: WhatsApp: Tel: 22 99714-7271 belezas naturais da cidade, criando a página no Instagram @macaetemturismo para divulgar o potencial turístico da cidade com a participação dos internautas Instagram@macaetemturismo


RE.CICLO

JULIANA MUSSI CRIA PÁGINA NO INSTAGRAM PARA COMERCIALIZAR PRODUTOS SUSTENTÁVEIS

A

publicitária Juliana Mussi se deu conta da grande quantidade de lixo que produzia durante o período da quarentena, quando passou a observar melhor a grande quantidade de embalagens que descartamos no lixo comum. A partir daí, começou a despertar para a importância da reciclagem, principalmente do plástico, para o meio ambiente e começou a buscar por produtos sem embalagens plásticas e a reciclar mais seu lixo. “É importante entender que o consumo, da forma como conhecemos, vai destruir nosso planeta. Se tem uma coisa que ninguém pode fazer por você, é a sua parte. Todo mundo fazendo um pouco, é melhor do que muitos não fazendo nada”, revela. Juliana começou a buscar pela internet produtos sustentáveis e que não agredissem o meio ambiente, já que, em Macaé, não tinha muitas opções com este conceito. Foi quando percebeu uma oportunidade de negócio e também a opção de dividir com outras pessoas esse propósito. Em maio deste ano, nascia a Re.Ciclo, uma loja on-line para venda de produtos sustentáveis para todo o Brasil. A linha é ampla e oferece: produtos de limpeza, higiene pessoal, cosméticos, maquiagem, artigos de cozinha, ecobags, protetor solar, entre outros. Tudo ecologicamente correto, biodegradáveis, sem embalagens plásticas e “cruelty-free”. Juliana acabou de fazer uma parceria com o Brechó Amo, de dezembro a janeiro, onde terá um espaço para apresentar seus produtos fisicamente para as pessoas. Para quem quiser conhecer mais sobre a Re.Ciclo, é só acessar o Instagram@reciclomacae ou o WhatasApp : 22 99221-2322.

Juliana Mussi não encontrou produtos sustentáveis para comprar em Macaé e decidiu abrir sua página no Instagram @Reciclomacaé vendendo esses produtos para todo o país

Os absorventes reutilizáveis e os shampoos e condicionadores em barra são alguns dos produtos comercializados por Juliana

MIMOS DA GABI

EMPREENDEDORA OFERECE BRINDES PERSONALIZADOS, COM UM TOQUE A MAIS

Q

uem não gosta de receber um presente que seja útil, com um ar descontraído e que se destaca onde estiver? Isso é o que acontece com quem recebe um brinde feito pela Mimos da Gabi, empresa criada pela empreendedora Gabriela Fragoso durante a pandemia. Gabi, como é conhecida pelos clientes, já trabalhava com o marido em uma agência de publicidade conhecida na cidade, tinha acesso a uma grande rede de fornedores de brindes e decidiu investir seu tempo na quarentena para criar brindes úteis, descontraídos e com uma pegada ecológica, para as empresas oferecem aos seus funcionários durante o homeoffice, como canecas e squeezes, bolsas e ecobags. “Todos os nossos brindes podem ser personalizados, com a logomarca do cliente e até com os nomes dos seus colaboradores na caneca, por exemplo”, fala Gabi, que dispõe de mais de 40.000 temas diferentes para serem aplicados nos produtos. Não há tiragem mínima para os pedidos. A produção é própria. As canecas são feitas pelo processo de sublimação, podendo ter o interior e alça da mesma cor e as bolsas e ecobags são feitas em silk screen e personalizadas. Pedidos e informações, entrar em contato pelo Instagram: @mimosdagabi33 ou WhatsApp: 22 99779-1787.

Gabriela Fragoso criou a Mimos da Gabi durante a pandemia para atender o mercado de brindes personalizados com um toque de criatividade e descontração

Os brindes oferecidos pela Mimos da Gabi têm uma pegada ecológica, como canecas, ecobags e squeezes que podem ser personalizados com a marca da sua empresa

15


DE TUDO UM POUCO

Para a ceia de Natal, o Buraco da Fechadura oferece a tradicional Torta de Nozes e uma novidade: Guirlanda de Brownie O Buraco da Fechadura é um negócio de família. Na foto, a filha Débora com os pais Célia e Edison Ferreira na loja dos Cavaleiros

BURACO DA FECHADURA TRADICIONAL LANCHONETE ESTÁ DE CARA NOVA E APRESENTA NOVIDADES PARA O NATAL DA FAMÍLIA MACAENSE

A

loja conquistou o paladar do público macaense há 42 anos, desde sua fundação na Galeria Carapebus, com seu cardápio tradicional, onde a coxinha de frango sempre foi destaque e muito apreciada na cidade, inclusive tendo a sua receita publicada na seção da revista “Receitas de Família”. Débora Ferreira, filha mais nova do casal Célia e Edison Ferreira, está a frente dos negócios da família. Ela, que é arquiteta, retornou a Macaé para ajudar os pais na continuidade da empresa, realizando a mudança da loja do Centro para os Cavaleiros, onde o cardápio tradicional continua o mesmo,

feito com todo o cuidado e qualidade de sempre com a produção própria de todos os produtos. Após seis anos, o espaço passa por uma reformulação no visual e também passou a oferecer comodidades como o delivery, implementado durante a pandemia e que continua a todo vapor, além das novidades no cardápio que prometem incrementar a Ceia de Natal dos macaenses nesse retorno da celebração em família. “Para este Natal, queríamos fazer alguma coisa especial para celebrar o reencontro das famílias nessa data tão importante. Além da tradicional Torta de Nozes e do Pão de Mel, temos o Cappuccino de Coração, que é uma cápsula de chocolate, o Cappuccino da Família, estamos lançando a “Guirlanda de Brownie” e, ainda, o “Panetone Casa”, que pode ser recheado com brigadeiro, casadinho ou pão de mel”, destaca Débora. As encomendas para o Natal podem ser feitas com até 5 dias de antecedência, e as entregas serão feitas até o dia 24, através dos Tels: 22 2772-7099 / 99897-9986 ou pelo Instagram @buraco_da_fechadura

HUMANIZA BRINCOS

LUCILLE RODRIGUES, TÉCNICA DE ENFERMAGEM, OFERECE O SERVIÇO DE FURO DE ORELHA HUMANIZADO

L

16

ucille de Azevedo Oliveira Rodrigues da Silva é Técnica em Enfermagem com 16 anos de experiência e, nos últimos 6 anos, tem trabalhado no setor de saúde materno-infantil das redes pública e privada de Macaé. Em 2020, Lucille percebeu uma grande procura das mamães pelo serviço de furo de orelha e decidiu se especializar para oferecer esse serviço de qualidade no mercado. Para isso, realizou um curso de EAD (Empreendendo com Furo de Orelha Humanizado) em março deste ano e criou a Humaniza Brincos, prestando serviço domiciliar de Furo de Orelha Humanizado e proporcionando às mães um serviço seguro, sem traumas, nem complicações futuras. “O atendimento é realizado no conforto do lar, em um ambiente seguro e no colo da mãe. Utilizo pomada anestésica para diminuir a sensibilidade da pele, fazendo com que a bebê sinta menos incômodo. Também realizo a medição para o furo no ponto certo, menos enervado, de acordo com a técnica de acupuntura. Só trabalho com brincos antialérgicos, esterilizados e próprios para bebês, seguindo as normas da ANVISA, além de passar todos os cuidados de higiêne no pós-furo para as mamães”, ressalta Lucille. Para mais informações sobre o assunto e para agendamento dos serviços de perfuração de orelhas, entrar em contato pelo Instagram@humaniza.brincos ou pelo WhatsApp 22 99826-5163.

Lucille Rodrigues está oferecendo o serviço de Furo de Orelha Humanizado para as mamães de Macaé, com um serviço em domicílio e toda a segurança necessária, antes e depois do processo


FULLTIME

CURSO OFERECE ATIVIDADES INTEGRADAS EM PROGRAMA DE IMERSÃO E CONTRATURNO

O

Fulltime Polo de Atividades Integradas atua no mercado desde 2008, oferecendo um serviço diferenciado de ensino da língua inglesa com uma metodologia interativa, através de jogos, contação de histórias e várias atividades lúdicas, que fazem com que as crianças absorvam o conteúdo de uma forma natural. O Fulltime está estabelecido anexo à Escola Ativo, no Bairro da Glória onde, além de atender aos alunos da escola, também oferece seus serviços ao público em geral, que estudem em outras escolas, sem restrições. O Fulltime disponibiliza dois programas para crianças entre 3 e 14 anos, em horários na parte da manhã e da tarde. No programa de Imersão da Língua Inglesa, a criança tem aulas com duração de 2horas, onde o foco é a vivência no idioma. Já no programa de Contraturno Escolar, além da imersão na língua inglesa, a criança realiza diversas atividades extracurriculares e faz o dever de casa, ficando a manhã ou tarde toda no polo. Ambos os programas podem ser contratados 3 ou 5 vezes por semana. “Nosso programa oferece às famílias benefícios para seus filhos que vão além de um segundo idioma. Estimulamos, desde cedo, as crianças a explorar seu potencial e suas aptidões, apresentando a elas atividades que conectam com suas múltiplas inteligências, tais como artes plásticas, música, danças, teatro, esportes, culinária e trabalhos manuais”, destaca James Martung, diretor da escola. Para 2022, o Fulltime está programando várias novidades para os pais e alunos, entre elas, a Colônia de Férias, que acontecerá entre os dias 10 a 28 de janeiro. Informações e matrículas: WhatsApp: 22 99214-222 ou pelo Instagram @fulltimepolodeatividades

James Martung é responsável pela Fulltime, que disponibiliza dois programas de ensino da língua inglesa para crianças entre 3 e 14 anos

17


18


19


TENDÊNCIAS BY CRIARE

Projetos práticos, flexíveis e funcionais são a marca registra da arquiteta, presente nesses três projetos em parceria com a Criare Macaé

CLAUDIA AUGUSTA

Por: Gianini Coelho / Fotos: Alle Tavares

20

A luz generosa que atravessa as amplas portas de vidro, que conectam essa cozinha á área externa, permitiu que a arquiteta ousasse com os tons escuros nos armários e no piso, que deram elegância e personalidade ao projeto


A iluminação indireta valoriza o elegante painel de laca que traz requinte ao quarto do casal e esconde a porta de acesso ao closet

P

A cozinha com decoração neutra, totalmente integrada ao espaço gourmet, traz praticidade ao dia a dia dessa casa

rojetos flexíveis, práticos e funcionais são uma marca registrada da arquiteta Cláudia Augusta, que está presente nessas 3 casas projetadas por ela, desde a arquitetura até o projeto de interiores. “Os projetos são cuidadosamente pensados para atenderem aos desejos e necessidades atuais do cliente, mas solucionados de maneira que sejam flexíveis e se ajustem, facilmente, a novas realidades. Ser personalizado e não ser ‘engessado’, é um delicioso desafio na elaboração dos meus projetos”, pontua Cláudia. Os grandes vãos envidraçados permitem luz e ventilação em abundância, integrando o interior às áreas externas, ampliando assim as possibilidades de uso, criando locais para serem desfrutados pelos moradores tanto em dias de sol como de chuva. Av. Nossa Srª da Glória, 3025 | Cavaleiros | Macaé/RJ Tel.: 22 2773-6100 | WhatsApp: 22 99254-0127 @criaremacae | www.criaremacae.com.br

Uma varanda gourmet para relaxar e receber os amigos integrada com a cozinha e a área externa. Na composição, tons minerais dão destaque para o mosaico de aço corten e o espelho reflecta com leve transparência que dá um brilho especial ao ambiente

21


ARQUITETURA & DECOR

Ambiente na vitrine da loja assinado pelos arquitetos Lívia Melo e Saulo Moreira traz belas escolhas com mobílias atemporais

BRONTELLI MÓVEIS

A

22

Por: Leila Pinho / Fotos: Alle Tavares

Brontelli Móveis está no mercado moveleiro há mais de 17 anos e hoje, em novo endereço, conta com uma estrutura mais ampla e confortável para receber seus clientes. Os proprietários Luciane e Fernando Bronte trazem para os ambientes o que tem de mais atualizado em mobiliário, com fornecedores da mais alta qualidade e renomados também no mercado internacional. O portfólio conta com uma vasta carteira de produtos residenciais e comerciais, tanto de área interna quanto externa. O novo ambiente, criado pelos arquitetos Livia Melo e Saulo Moreira, compõe a vitrine da loja de móveis Brontelli deixa a mensagem da atemporalidade. Segundo explica a arquiteta Lívia, ela e Saulo tiveram liberdade para a escolha dos móveis, itens de decoração e optaram pelo contemporâneo. “Apostamos numa paleta neutra e sofisticada com cores como preto, branco, cinza, caramelo e amadeirados, são cores que casam com a proposta da atemporalidade”, pontua Lívia. “Os móveis são arredondados, são formas mais orgânicas. O Sofá Arc, que é curvo, por exemplo, se diferencia pelo próprio formato”, explica Saulo. Além do sofá, o Banco Botão - assinado pela Ana Neute - chama a atenção. Lívia ressalta porque investir em peças assim é importante. “É interessante ter sempre uma peça em destaque nos ambientes, porque ela traz um peso visual, um design diferenciado. A Poltrona Lina também merece atenção. O móvel é versátil, podendo ser usado em vários ambientes, e imprime uma leveza visual. Assinada pela Suíte Arquitetos, a Poltrona Lina é uma homenagem à arquiteta modernista Lina Bo Bardi. Essa poltrona, com o pufe, foi um dos móveis escolhidos na Brontelli pelo casal Michael Martins e Guilherme Marchito para compor a sala de estar. “É uma peça com história”, diz a arquiteta. Lívia conta que o casal decidiu fazer uma reforma e que gostaria de mais espaço e conforto nas áreas comuns. O projeto de arquitetura contemplou a integração da cozinha com a sala de jantar e a sala de estar. “A Lívia e o Saulo souberam colocar no papel o nosso desejo de integrar os ambientes e transformar a casa num espaço mais funcional pro nosso dia a dia e, ao mesmo tempo, mais confortável para recebermos os amigos”, fala Michael.

Na sala de jantar do casal Michael Martins e Guilherme Marchito, o carrinho bar e a mesa oval deram personalidade e estilo ao ambiente

A Poltrona Lina foi escolhida na Brontelli para compor a sala de estar do casal

Os móveis da Brontelli contribuíram para dar mais personalidade aos ambientes, como o maxi espelho na parede de boiserie. “O carrinho bar serve com estilo ao lifestyle do casal, que gosta de receber amigos e celebrar. Na sala de jantar, o design orgânico e moderno da mesa oval também chama a atenção”, diz Saulo. Av. Carlos Augusto Tinoco Garcia, 195 Riviera - Macaé/RJ (ao lado do Extra) Tel: 22 2765-7402 / 22 99103-3640 @brontelli


23


ARQUITETURA & DECOR

Empresa se destaca projetando mega estrutura em eventos e residências, aliando marcenaria e serralheria própria

A equipe da Industrial Art superou o desafio de projetar e executar todo a área Vip do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival em apenas 9 dias

INDUSTRIAL ART,

SOLUÇÕES COMPLETAS PARA EVENTOS E CASAS Industrial Art mais uma vez superou as expectativas ao apresentar o projeto estrutural para o Rio das Ostras Jazz & Blues Festival deste ano. A empresa projetou e desenvolveu um ambiente temático industrial com um design moderno, inovador e de impacto, em que 100% do material utilizado na construção foi reciclado e reaproveitado, agregando ainda mais valor ao projeto, com foco em sustentabilidade. O projeto contou com um bar temático em estrutura metálica, além de monovias que conectadas com o bar, levaram um conceito de cidade iluminada por todo o ambiente. Além disso, lounges espalhados pelo espaço mostraram que a capacidade de fabricação da empresa vai além de estrutura metálica: móveis, sofás, poltronas, bancos e mesas bistrôs. Segundo os sócios proprietários da Industrial Art, Diego Tavares e Geovane Mazzaro, um dos pontos altos do festival foi a área instagramável com um painel verde e letreiro de led neon. “Tivemos apenas 9 dias para trabalhar desde o recebimento do convite até o início do festival. Tudo foi feito pelo nosso time, da criação à execução e, sem sombra de dúvidas, com o pouco tempo que tivemos, o desafio ficou ainda mais interessante tornando o resultado gratificante”, contam.

24

O painel instagramável com a logo do evento foi um dos pontos altos do espaço. Da esquerda para a direita: Diego Tavares, Bernardo Dea, Giovane Mazzaro e Marcel Tuller

Um bar temático em estrutura metálica, conectado através de monovias, que deram um conceito de cidade iluminada ao ambiente. A iluminação, todo o mobiliário do espaço e a decoração ficaram por conta da equipe da Industrial Art Arquivo

A

Por: Renatta Viana / Fotos: Gianini Coelho


Arquivo

A equipe da Industrial Art recebeu alguns arquitetos parceiros e amigos para assistir ao evento e conhecer o espaço Vip do festival

Karine Rangel

Já em parceria com os arquitetos Lívia Melo e Saulo Moreira, a Industrial Art desenvolveu projetos para os quartos infantis da Manu e do Bento, ambientes residenciais criativos e modernos. “Misturamos aço e madeira para imprimir personalidade em cada quarto. Criamos soluções de estruturação para sustentar toda a dinâmica e junções de matérias-primas sem perder a originalidade, criatividade e composição do projeto”, fala Diego. Para os arquitetos, o maior diferencial nos quartos foi o acabamento, já que houve a possibilidade de mesclar matérias-primas para a construção do projeto. Todo o processo foi simplificado, porque a Industrial Art entregou a solução completa, melhorando a comunicação, logística e assertividade do projeto entre marcenaria e serralheria. Lívia Melo explica que a empresa realiza a marcenaria fora de uma modulação estabelecida, o que proporciona liberdade para trabalhar meia esquadria e os acabamentos diferentes dos móveis planejados. Tudo isso reduz muito qualquer possibilidade de falha”, destaca. No quarto da Manu, o grande desafio foi construir o mezanino que era o desejo de toda a família. Ele foi feito em serralheria, reforçado para os adultos também poderem subir. “Além disso, foi feito um palco para Manu se apresentar porque ela é uma mini estrela, com uma arara para as fantasias. É um quarto bem lúdico e múltiplo, onde ela pode brincar e descansar. Há também um camarim que serve como escrivaninha e tem a barra de balé. Foram utilizadas cores vivas de uma paleta super diferenciada e a Industrial Art fez serralheria e marcenaria, armários, tablado. Já o quarto do Bento, precisou ter todo o layout reajustado para encaixar berço, cama de solteiro, armário e local de leitura. Estudamos um projeto personalizado e chegamos a um resultado funcional e bonito. A marcenaria foi executada nos tons de azul, madeira e branco. Já o tablado foi reforçado com nicho para um colchão dobrado, que dá a opção de virar cama de solteiro, além dos gavetões que ajudam a organizar os brinquedos.

Todo o mobiliário do Espaço Vip do festival foi projetado e executado pela Industrial Art, como as mesas e cadeiras do lounge

No quarto de Manu, o mezanino feito em serralheria foi reforçado para o acesso dos adultos, pois era o desejo de toda a família. Já o camarim, que fica embaixo, também serve como escrivaninha e mesa de estudos

SHOWROOM Av. Jane Maria Martins Figueira, 431 - Loja 01 - Jardim Mariléia - Rio das Ostras/RJ Tel.: 22 99286-1759 @industrial.art.br

25


ARQUITETURA & DECOR

Além do projeto arquitetônico, as arquitetas também fazem o projeto de interiores, como esta cozinha de um cliente no Rio de Janeiro

Arquitetas apresentam um portfólio de projetos de arquitetura e de decoração de interiores

Os projetos da Domu priorizam o conforto, o aconchego e a personalidade, como na reforma desta suíte de uma fazenda em Conceição de Macabú. (Decoração: Modus Vivendi / Roupas de cama: Quarto Decor)

JANÁGILA RIBEIRO E THAÍS TINOCO DOMU ARQUITETURA

C

Por: Gianini Coelho / Foto: Giselle Cardoso

om atuação em todo o país, em apenas 2 anos de parceria no escritório Domu, as arquitetas macaenses Janágila Ribeiro e Thaís Tinoco montaram um portfólio de projetos autorais que priorizam o aconchego, o conforto e a personalidade. O escritório de arquitetura digital já realizou projetos arquitetônicos e de interiores em vários lugares, como: Macaé, Rio de Janeiro, São Paulo, Petrópolis, Campos, Itaperuna e até em Aracaju. As arquitetas desenvolvem projetos autorais, residenciais e comerciais, tanto na parte arquitetônica quanto na decoração de interiores, com um diferencial criativo e de soluções práticas para cada cliente, respeitando suas necessidades e superando suas expectativas.

26

Janágila Ribeiro e Thaís Tinoco tranformam, através dos seus projetos, os sonhos dos seus clientes em realidade

“Nosso processo preza por desenvolver um briefing minucioso, para entender a demanda e a rotina de cada cliente para propor um projeto capaz de tranformar em realidade os seus sonhos”, destaca Janágila. “Em pouco tempo de escritório, estamos conseguindo conquistar um lugar de destaque no mercado de Macaé e região. Os clientes têm recebido muito bem a nossa proposta de trabalho, desde a criação até a finalização dos projetos”, fala Thaís Tinoco.

Atendimento: WhatsApp: 22 99902-2133 @domuarq


27


PESSOAS & NEGÓCIOS Azul Limão

Escola comemora 10 anos de sucesso, fruto da dedicação do seu fundador Guto Garcia, com 30 anos ligados à educação pública e privada e também da sua competente equipe de educadores

A escola conta um campo de grama sintética e uma quadra, ideais para a prática de esportes coletivos

ENTREVISTA COM GUTO GARCIA, FUNDADOR DO COLÉGIO ATLÂNTICO

A

Por: Gianini Coelho / Fotos: Alle Tavares

ntes de iniciar a entrevista, num papo descontraído e informal, o professor e empresário Guto Garcia afirma que a educação é paixão e a arte de educar é que nos torna pessoas mais humanas. Para ele, uma boa escola é um local onde todos os profissionais aprendem e ensinam diariamente, demonstrando que aprender é motivador, desafiador, interessante e muito transformador. 1) Como foi o início do Colégio Atlântico e o porquê da sua criação? Guto Garcia: Fui procurado por um grupo de pais e mães de alunos do antigo Colégio Previsão, escola parceira do Sistema Etapa que estava atravessando dificuldades financeiras e encerraria as suas atividades. Partimos para a luta e, juntos, conseguimos o convênio com o Sistema Etapa de Ensino. A união foi a marca inicial do Colégio Atlântico. Iniciamos as nossas atividades em 40 dias, com menos de 100 alunos. Tínhamos turmas com apenas 2 alunos, mas perseveramos e, no segundo ano de funcionamento, dobramos esse número, porque conquistamos um fator imprescindível na educação: a confiança dos pais e mães que acreditaram no projeto e na missão da escola. E o colégio não parou de crescer desde 2013. Chegamos em 2022 com quase todas as turmas lotadas, restando pouquíssimas vagas disponíveis.

28

2) Como o Colégio Atlântico, em menos de 10 anos, se tornou um dos melhores colégios particulares da cidade, inclusive com excelentes resultados nos vestibulares? GG: Acreditamos que uma escola para ter bons resultados deve trabalhar alicerçada em 3 pilares: sistema de ensino (30%), professores

O professor Guto Garcia possui 30 anos dedicados à educação e, há 10 anos, iniciou o processo de criação e fortalecimento do Colégio Atlântico em Macaé

(30%) e aluno/família (40%). Um sistema de ensino forte, com material didático bem elaborado e atualizado todos os anos, a forma como esse conteúdo será apresentado para o aluno, são elementos indispensáveis. O Sistema Etapa possui o método de espiral crescente em que, a cada ano, o conteúdo é revisto de uma forma mais aprofundada, e aplicação de provas semanalmente, para impedir o acumulo de matéria. O segundo pilar são os professores que dão vida a esse sistema de ensino, através de seleção primorosa, remuneração justa, avaliação dos professores, pelos alunos e coordenação, anualmente. O terceiro pilar é o (a) aluno (a), que deve efetivar a sua parte, estudando diariamente. A família pode ajudar muito, incentivando, participando, colaborando, suprindo as demandas individuais. Nosso foco principal é fazer o aluno adquirir o hábito de estudar um pouco todos os dias, que o aluno goste de estudar. É o nosso grande desafio. 3) O Colégio Atlântico está se mudando


No Atlântico, a equipe de professores é um dos pilares de uma escola de sucesso e responsável pelos resultados dos seus alunos Arquivo

A nova sede do Colégio Atlântico fica localizada na Av. Nossa Senhora da Glória, sendo de fácil acesso e com uma grande infraestrutura

para a Praia Campista, em frente à praia, o que vai ter nessa nova unidade? GG: Estamos mudando para onde era a antiga Unigranrio, uma excelente estrutura física, com duas piscinas, campo Society com grama sintética, quadra que será coberta, um Crossfit dentro da área, espaço de jogos, amplo refeitório e duas cantinas. Mais de 20 salas de aulas amplas, biblioteca com uma grande área de estudo individual e salas exclusivas para grupos, além de uma sala maker de 120 m2, laboratório de química/física/biologia e sala de artes/música. Nessa unidade vai funcionar o Ensino Fundamental 1 e 2, Ensino Médio e Pré-Vestibular. Mas continuamos inovando nas nossas outras duas unidades: Colégio Atlântico Unidade do Pecado continua com o Ensino Fundamental 1 e a Creche Peixinhos do Atlântico, na Lagoa, ganhou um lindo aquaplay e uma sala de balé profissional. A proximidade com o mar, única escola macaense com tamanho privilégio, nos possibilita incentivar mais e mais o contato e respeito com a natureza, através de práticas esportivas e culturais. 4) Como o Colégio Atlântico incentiva a Educação Integral dos seus alunos? GG: Entendemos que o desenvolvimento pleno do educando só é possível quando respeitamos suas diferentes dimensões formativas. Os processos pedagógicos devem articular as

O Colégio Atlântico, em suas novas instalações, possui uma excelente estrutura física, que inclui duas piscinas

dimensões física, afetiva, social e cultural. Assim sendo, nosso colégio oferece atendimento através de duas orientadoras educacionais que cuidam na esfera comportamental dos alunos e de suas famílias; um psicólogo, que através de encontros individuais, também auxilia nossos alunos na avaliação das suas escolhas profissionais. A disciplina Habilidade de Vida acompanha nossos alunos desde a Educação Infantil até o Vestibular. Para fortalecer a base de sustentação das habilidades sócio-emocionais dos nossos alunos, fizemos parceria há 3 anos com a Escola da Inteligência, idealizada e dirigida pelo Dr. Augusto Cury, cujo objetivo principal é a formação integral do ser humano. 5) Nesses novos tempos, quais são os novos desafios no Colégio Atlântico? GG: A pandemia nos impõe, na condição de educadores, coragem, determinação, reflexão para iniciar um novo ciclo. Sabemos que o mundo não será o mesmo. Durante a pandemia, o Colégio Atlântico respondeu satisfatoriamente às necessidades, através de aulas híbridas, computadores nas salas de aula, e o empenho dos nossos professores que se ressignificaram para atender às novas demandas. Todo esse nosso esforço, nos enfrentamentos de momentos tão delicados, contou com o apoio e aprovação das famílias dos nossos alunos. Aprendemos que a nova fase será de reinventar, repensar, refazer e reconstruir.

Av. Nossa Senhora da Glória, 855 - Praia Campista - Macaé/RJ Tel.: 22 2773-2849 / 22 99622-2018 @colegioatlantico.macae

29


PESSOAS & NEGÓCIOS

Arquivo

Através de consultas regulares e exames preventivos, pode-se identificar e tratar a doença a tempo Arquivo

O aparecimento de manchas escuras e com relevos irregulares é um sinal de alerta para identificar o câncer de pele

Dermatologista fala das principais formas de prevenção do câncer de pele

A dermatologista Dra. Marlene Sessim destaca que devemos utilizar o protetor solar regularmente, no mínimo FPS 30, para combater a radiação ultravioleta

Dra. MARLENE SESSIM

C

Por: Leila Pinho / Foto: Alle Tavares

omo parte da Campanha Nacional de Prevenção do Câncer de Pele, a Sociedade Brasileira de Dermatologia, através do programa “Dezembro Laranja”, escolheu o último mês do ano para conscientizar a população sobre a prevenção desse tipo de câncer, que responde por 33% de todos os cânceres diagnosticados no Brasil. Conforme explica a dermatologista Dra. Marlene Sessim, o câncer de pele é provocado pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. “Entre os diferentes tipos de cânceres de pele, os mais comuns são o carcinoma basocelular e o espinocelular, já o mais raro e letal é o melanoma, o mais agressivo câncer de pele”, pontua. O principal fator responsável pelo desenvolvimento do câncer de pele vem do sol, com a radiação ultravioleta e, por isso mesmo, as principais formas de prevenção estão ligadas à proteção solar. A médica dermatologista ressalta ainda que a maior parte dos casos de cânceres de pele está associada à exposição solar inadequada e bronzeamento artificial, feito em câmaras de bronzeamento.

30

Medidas de prevenção mais comuns e outras que muitas pessoas não sabem Entre as medidas de prevenção mais recomendadas estão o uso de roupas e acessórios com fator de proteção solar como: óculos

de sol, chapéus, camisetas, entre outros. Evitar tomar sol entre 10h e 16h, e usar protetor solar regularmente com fator de proteção de, no mínimo, FPS 30 também são indicados. A Dra. Marlene fala também sobre algumas outras indicações que são menos divulgadas como: ao se expor ao sol, preferir usar barracas de algodão ou lona porque são mais eficientes, pois absorvem 50% da radiação ultravioleta. As feitas de nylon, por exemplo, deixam 95% dos raios UV passarem. “Outro ponto importante é usar o protetor solar todo dia e não somente quando for à praia ou para a piscina. O recomendado é usar o protetor de manhã e reaplicar depois do almoço”, explica a dermatologista. Alguns sinais que podem indicar o câncer de pele são: pintas com bordas irregulares, lesões elevadas com crosta central e que sangra com facilidade, entre outros. Dra. Marlene aconselha consultas regulares com o dermatologista que, através de avaliação clínica, exame de dermatoscopia e biópsia, tem condições de dar um diagnóstico seguro positivo ou negativo para o câncer de pele.

Av. Nossa Senhora da Glória, 1181 - Sala 607 - Praia Campista - Macaé/RJ Telefones: 22 2142-3842 / 22 99799-6225 @dramarlenesessim - www.marlenesessim.com.br


PESSOAS & NEGÓCIOS

A Immense Home é uma ótima opção para quem procura objetos para decoração de Natal nos Cavaleiros Arquivo

Loja traz inúmeras opções em árvores, guirlandas e artigos para garantir um Natal repleto de beleza e encantamento

A decoração Natalina da Immense Home chama a atenção, principalmente, pela árvore de Natal com 4 metros de altura

NATAL É NA IMMENSE HOME

U

Por: Juliana Carvalho / Fotos: Alle Tavares

m Natal de encantamento! É assim que a Immense Home marca seu primeiro Natal, trazendo para Macaé diferentes propostas para que a data mais aguardada do ano seja repleta de beleza. São artigos de decoração como árvores, enfeites, guirlandas, além de utilidades para o lar que irão garantir que toda a magia natalina se faça presente em cada detalhe. Só de passar pela fachada da loja, nos Cavaleiros, é impossível não ser contagiado pela magia que vai desde a mega árvore na vitrine, com 4 metros de altura, até os itens decorativos como cordões de iluminação, pisca-piscas, enfeites eletrônicos e pelúcias musicais que fazem a alegria da criançada. As árvores de Natal, vendidas já decoradas, trazem propostas para atender diferentes gostos, indo das tradicionais até as temáticas, com abordagem infantil, mundo pet, rústica, entre outras. “Buscamos trazer bastante variedade em artigos e acessórios. Aqui, é possível escolher por receber a árvore já montada ou apenas se inspirar para levar os itens que irão compor a decoração em casa. Temos ainda a consultoria para auxiliar na melhor escolha dentro daquilo que o cliente deseja criar”, afirma Andrezza Ferraz, que criou no terceiro andar da loja uma verdadeira feirinha de Natal com inúmeros itens a preços

A loja oferece várias opções de mesa posta para a decoração das festas de fim de ano

convidativos. “Esse é apenas o nosso primeiro ano, para o próximo Natal traremos ainda mais novidades”, já planeja Andrezza. E se na decoração a loja não deixa nada a desejar, quando o assunto é mesa posta, aí é que não faltam motivos para já vislumbrar a mesa da Ceia de Natal. Centros de mesa, souplats, guardanapos e uma infinidade de jogos de taças e copos fazem a composição perfeita para deixar o período natalino ainda mais especial. “Natal é emoção, é um despertar de sentimentos que nutrem o nosso espírito de amor e esperança. Cada enfeite, cada item decorativo contribui para abrilhantar o encantamento da data”, conclui Andrezza.

Rua Joaquim da Silva Murteira, 61B - Cavaleiros - Macaé/RJ WhatsApp: 22 99229-5757 @immense.home

31


PESSOAS & NEGÓCIOS

A Vice-Presidência da Área Comercial e Empresarial do Alphaville Boulevard realiza workshops para divulgar o potencial de negócios do empreendimeto para os proprietários e potenciais investidores do local

O segundo Workshop, contou com a presença dos proprietários dos lotes, que receberam informações relevantes, através de uma uma pesquisa de mercado sobre o empreendimento e onde também puderam planejar os próximos passos para fomentar a área

ALPHAVILLE BOULEVARD

COMERCIAL & EMPRESARIAL

E

Por: Alysson Nogueira / Fotos: Gianini Coelho

m uma área com pouco mais de 245 mil metros quadrados, entre os municípios de Macaé e Rio das Ostras, está localizado o Alphaville Boulevard Comercial & Empresarial. O complexo conta com 69 lotes e promete ser o mais novo marco empresarial da região, com grande potencial de investimento e de público consumidor selecionado. As ações de fomento nos negócios estão sendo realizadas pela Vice-Presidência da Área Comercial e Empresarial do Alphaville, com objetivo de aproveitar o potencial econômico dos empreendimentos residenciais no entorno, bem como as empresas que estão localizadas no parque empresarial dos dois municípios. “Os lotes têm a possibilidade de desenvolver qualquer tipo de atividade empresarial, como supermercados, hortifrutis, farmácias, restaurantes, lojas diversas e serviços em geral. Hoje, temos um local que está disponível para ser ocupado e um público potencial consumidor que já consegue sustentar as atividades”, explica a Vice-Presidente comercial do Alphaville Boulevard, Carolina Spitz. Por meio de encontros com a participação de membros da Associação, os proprietários dos lotes do Alphaville Boulevard puderam ter acesso às diversas ações realizadas, além do resultado de uma recente pesquisa de mercado. Os dados coletados por uma empresa de marketing de São Paulo traçou estratégias de negócios, perfil econômico, de consumo, visando o melhor aproveitamento das novas tendências do mercado, servindo também de suporte para decisões de investimentos feitas pelos proprietários. Ficou constatado que, além de atender o público fixo que mora e trabalha próximo ao complexo comercial, o local está geograficamente bem localizado, perto da principal via de acesso entre as cidades da Região dos Lagos e Baixada Litorânea, com uma população flutuante de pouco mais de 30 mil pessoas/dia. Para Carolina, as expectativas são boas para os investidores que já atuam no local e também para os que pretendem, a partir do ano que vem, iniciar suas atividades comerciais. “O número de novos moradores e novas obras tem aumentado exponencialmente, o que tem tornado o Alphaville Boulevard

32

Carolina Spitz é Vice-Presidente da Área Comercial do Alphaville Boulevard e foi a responsável pela realização dos workshops para os proprietários dos lotes

ainda mais atrativo. Todos os proprietários de lotes comerciais conseguem perceber que há suporte, interação e espaço para um diálogo aberto por parte da Associação. Nosso trabalho é baseado em números reais e resultados concretos”, afirma. O empresário Evandro de Carvalho está prestes a iniciar a construção de um restaurante container com diversas opções gastronômicas para almoço e jantar, além de happy hour e lanchonete, visando atender todos os tipos de público. Batizado como Armazém Rota 106, em referência à RJ-106, o local já tem previsão para entrar em funcionamento a partir do primeiro semestre de 2022. “Estou muito animado. Moro aqui no Alphaville há 8 anos e agora estou investindo no ramo empresarial. Sempre acreditei no crescimento dos residenciais e creio que o centro comercial vai suprir todas as necessidades dos moradores. A expectativa é a melhor possível”, destaca. Igor Paraguassu investiu na construção de lojas e salas comerciais no Alphaville


Rodrigo Arenales inaugurou a Criare Alphaville Costa do Sol em novembro, sendo o primeiro empreendimento a funcionar no Alphaville Boulevard. Ele está otimista com os resultados do novo negócio Arquivo

Evandro de Carvalho e a esposa Denise. O empresário construirá o Armazém Rota 106. Um restaurante container, com uma pegada moderna e expectativa de atender à grande demanda da região

Geovani de Oliveira Santos e sua família moram no Alphaville há um ano e meio e acreditam que o centro comercial trará muitos benefícios para todos os moradores

Boulevard, que serão inauguradas no primeiro trimestre de 2022. Para o empresário, o objetivo é atrair uma maior gama de serviços, como salões de beleza, pet shops, consultórios médicos, entre outros. “O potencial econômico do local é muito bom. É uma excelente oportunidade para agregar valor e atender essa demanda que está cada vez mais crescente. A tendência é só de dar certo”, ressalta. O Grupo Villa Are já tem em funcionamento uma filial da Criare Rio das Ostras no Alphaville Boulevard – Criare Alphaville Costa do Sol. Localizado na quadra C, o showroom com mais de 300 m² tem por objetivo atender a demanda de público que está, cada vez mais, crescendo na região. “Montamos uma loja justamente para oferecer para as pessoas que ali moram e investem, soluções em móveis planejados de alta qualidade. Tenho certeza que o Alphaville Boulevard veio para oferecer tudo o que há de mais completo em produtos e serviços em um só lugar, sem precisar se deslocar para a região central de Macaé ou Rio das Ostras”, pontua. Para o advogado Geovani de Oliveira Santos, morador do Alphaville há um ano e meio, a construção do complexo empresarial trará benefícios aos moradores do bairro. “Estávamos precisando de um centro comercial por aqui. Isso vai trazer comodidade para nossas famílias. A possibilidade de ter lojas, restaurantes e farmácias próximos de casa será excelente para todos os moradores”, finaliza.

Igor Paraguassu investiu em um empreendimento de lojas e salas comerciais para locação que irá inaugurar no primeiro trimestre de 2022. Ideal para salões de beleza, pet shops, consultórios médicos, entre outros serviços e comércios

Informações: Associação Alphaville Rio Costa do Sol & Alphaville Boulevard Tel.: 22 2006-0085 / 22 98173-1300 @riocostadosolalphaville

33


PESSOAS & NEGÓCIOS

Primeira escola Montessori de Macaé abre suas portas com o método que virou referência mundial em educação

A pisicóloga Mariana Freitas buscava uma metodologia ideal para a educação do seu filho e acabou investindo na primeira Escola Montessoriana da região O Jardim dos Descobridores fica localizado em uma casa ampla, espaçosa e bem dividida para atender todas as necessidades das crianças

JARDIM DOS DESCOBRIDORES ESCOLA MONTESSORI

O

Por: Juliana Carvalho / Fotos: Alle Tavares

Projeto Jardim dos Descobridores abriu suas portas agora em dezembro, sendo a primeira escola montessoriana em Macaé. O método, desenvolvido na Itália pela médica e educadora Maria Montessori, ganhou o mundo ao estabelecer o aprendizado infantil a partir de experiências concretas, tendo a observação, a independência e a responsabilidade como alguns de seus princípios. O Jardim dos Descobridores oferece educação infantil para bebês a partir dos três meses a crianças até 6 anos, em turnos integral e parcial. O projeto foi idealizado pela psicóloga Mariana Freitas, mãe do pequeno Bryan, de 4 anos. Ela teve seu encontro com o método Montessori quando morava em Malta, na Europa. “Quando o Bryan tinha 1 ano, comecei a visitar escolas para ele. Como sou psicóloga, e por conhecer a importância da primeira infância no desenvolvimento do ser humano, eu ficava buscando uma pedagogia que trabalhasse isso, mas não encontrava nenhuma com uma metodologia que fosse de fato aproveitar esse período, até conhecer uma montessoriana”, relembra Mariana, cujo interesse pelo tema foi tão grande que a levou a pesquisar e estudar o assunto. “Fiz minha formação pelo International Montessori Institute (IMI), em Barcelona, e segui estudando, me especializando já com planos de seguir carreira na área de educação. Em março de 2020, por conta da pandemia, resolvemos voltar para o Brasil e, logo depois, coloquei em prática o plano da escola para o qual eu já vinha me preparando”, conta.

34

Jardim dos Descobridores A escola traz a aplicação integral da metodologia Montessori, desde a especialização dos profissionais à adaptação dos espaços. Como toda escola montessoriana, as turmas são por idades agrupadas: berçário a 1 ano e meio, 1 ano e meio a três anos, e três a seis anos. “As crianças ganham muito com esse agrupamento. Montessori percebeu que a escola é a única instituição no mundo que segrega por idade e que isso cria um ambiente artificial que dificulta o desenvolvimento de algumas habilidades importantes na sociedade. Qualquer outro lugar que a criança frequente: um parquinho, um clube, um curso, por exemplo, ela vai conviver com crianças de idades diferentes, até próximas, mas diferentes”, detalha Mariana.

Toda a escola foi montada dentro do conceito Montessoriano, onde todos os materiais pedagógicos ficam ao alcance das crianças

Priscila Soraggi encontrou na escola uma metodologia de ensino mais ampla e que vê seu filho Miguel como um indivíduo único

Todo o material acompanha a metodologia, contribuindo para que a experiência concreta gere conhecimento de conceitos abstratos em diferentes áreas: Sensorial, Vida Prática, Linguagem, Ciências e Matemática. “Aqui no Jardim dos Descobridores, educadores e família atuam juntos,


Como toda escola Montessoriana, as turmas são montadas por idades agrupadas

Todo o mobiliário da metodologia Montessori coloca a criança como protagonista das suas ações e atividades

criando o melhor cenário para que o desenvolvimento aconteça. O método tem uma filosofia tão rica e pertinente que, além de um espaço de educação infantil, vamos oferecer palestras abertas a famílias de não alunos, como também formação para quem queira atuar com o Montessori de forma profissional”, ressalta Mariana. Priscila Soraggi, mãe do Miguel, de um ano e 4 meses, revela que uma das coisas que mais chamou sua atenção foi o fato do Jardim dos Descobridores promover, diariamente, atividades do cotidiano de uma vida em sociedade. “Eu queria uma escola que não apenas ensinasse matérias, mas que também visse meu filho como um indivíduo único e com seus próprios interesses e capacidades que podem ser diferentes das demais crianças. Um lugar onde ele fosse feliz e pudesse aprender brincando”, afirma. Lilian Santos conheceu o conceito Montessori ao fazer o projeto do quarto das filhas, Ana Clara, 8 anos e Rebeca, 4 anos. Mas foi na página do Instagram do Jardim dos Descobridores que aprofundou o que sabia sobre o assunto. “Minha segunda filha será de uma geração que entrará na escola mais tarde, aos 4 anos, por conta da pandemia, e sabemos que algumas lacunas precisam ser trabalhadas. Ao fazer essa escolha, acreditamos que o método e a condução da primeira infância fará dessa nova etapa da vida da Rebeca bastante prazerosa”, destaca Lilian.

35


PESSOAS & NEGÓCIOS

O conforto e o aconchego são pontos a serem destacados no projeto da sala de espera dos consultórios, como no projeto da Clínica Tatiane Viegas

Consultórios médicos com um toque diferenciado

NANA NOGUEIRA

H

by Todeschini Por: Nana Nogueira / Fotos: Manuela Duarte

oje, vamos bater um papo sobre arquitetura e decoração para consultórios médicos. O consultório é, literalmente, a porta de entrada para introduzir o paciente ao tipo de tratamento que ele vai receber. Por isso, é importante que a arquitetura esteja alinhada com os gostos do profissional e transpareça um pouquinho da sua personalidade. Em primeiro lugar, logo de cara já podemos falar da importância do conforto, né? Considerando que o paciente vai passar a maior parte do tempo na sala de espera (e bota tempo nisso hahaha), temos que dar prioridade a uma decoração confortável. Outro aspecto que deve ser considerado é uma boa iluminação para o ambiente. Ninguém gosta de trabalhar ou ser atendido em uma sala escura, portanto, não economize em um bom sistema de luminárias e na parte elétrica. Considerando que, muitas vezes, vamos a clínicas dermatológicas para nos sentirmos mais bonitas, a parte estética tem que ter uma atenção especial. Por isso, a decoração da clínica deve refletir o bom gosto do profissional. Então, preze por uma decor de bom gosto, que torne o ambiente o mais agradável possível.

36

A iluminação é outro ponto muito importante nas clínicas, principalmente, nas salas de procedimentos estéticos

Todeschini Macaé Av. Nossa Senhora da Glória, 689 Praia Campista • Tel: 22 2773 4200


PESSOAS & NEGÓCIOS

Entre na Era dos Elétricos e invista em Carbono Zero

A Carbono Zero abriu sua loja na Galeria Praiana, nos Cavaleiros e, há oito meses, é referência em scooter elétrica em Macaé

CARBONO ZERO SCOOTERS ELÉTRICAS

C

Texto e Fotos: Monalisa Fagundes

om a gasolina disparando nos preços nos últimos meses, uma nova opção de mobilidade urbana vem crescendo significativamente, a Scooter Elétrica. Segundo a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), entre 2018 e 2019, o segmento de scooter cresceu 39,6% em vendas. Além de garantir agilidade e eficiência na locomoção diária, uma scooter elétrica tem baixa manutenção, a recarga da bateria custa menos do que a média das passagens de transporte público no Brasil e, ainda por cima, não polui o meio ambiente. Em Macaé, a Carbono Zero domina esse mercado, há oito meses, oferecendo vários modelos de Scooters Elétricas, como a MC20, MC21, X11, Chopper, entre outros. A loja também oferece manutenção, personalização de paralamas para deixar o veículo bem original, suporte técnico e limpeza, denominada SPA das Scooters. De acordo com o proprietário, André Machado, a scooter elétrica é um pequeno veículo indicado para pequenas ou médias distâncias. “Por meio de uma bateria recarregável, em média, a pessoa consegue percorrer aproximadamente 40 km com uma única carga. Desta maneira, a scooter elétrica consegue ser até 12 vezes mais econômica e menos poluente do que uma motocicleta. Já em comparação com um carro, a diminuição de poluição e gasto de energia chega a 50%”, pontua. André ainda ressalta que comprar uma scooter e aderir a uma mobilidade urbana mais sustentável confere uma série de benefícios aos proprietários. “100% elétrica, dispensando gasolina; não agride o meio ambiente, já que não polui, tem zero emissão de poluentes; garante agilidade para escapar do trânsito; tem custos menores do que veículos convencionais e do que a média da passagem de transporte público; fácil de recarregar; é silenciosa e fácil de pilotar; não precisa de documentação especial, isenta de CNH e IPVA, por exemplo; entre outros”, explica. As regras de segurança são as mesmas para qualquer veículo, o condutor deve usar capacete e o veículo precisa ter equipamentos obrigatórios, como farol, retrovisores dos dois lados, lanterna traseira, velocímetro e buzina. A Resolução do Contran Nº 842, de 8 de abril de 2021, alterou a Resolução nº 315, de 08 de maio de 2009, que estabelece a equiparação dos veículos cicloelétricos aos ciclomotores e os equipamentos obrigatórios para condução nas vias públicas abertas à circulação, para adequar a definição de ciclomotor ao que prevê o Anexo do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A Resolução

As scooters elétricas são econômicas, não poluem o meio ambiente e não precisa de CNH para sua direção

define ainda que veículos com motor de propulsão elétrica com potência máxima de 4KW e cuja velocidade máxima de fabricação não exceda a 50Km/h, ficam isentos de CNH e livres para circular em vias públicas abertas. André faz questão de frisar que a Carbono Zero surgiu com a ideologia da sustentabilidade, do compromisso socioambiental. “Nos preocupamos em transmitir a importância de hábitos conscientes e sustentáveis que ajudem a minimizar os impactos na natureza, além de auxiliar as pessoas nos deslocamentos diários, com agilidade e praticidade”, conclui. Pensar em formas mais sustentáveis, inclusive financeiramente, de vida é o caminho da nova era. A era de cidadãos mais engajados com os rumos não só do planeta, como também os próprios rumos, que são definidos no presente, no agora. Vale a pena pensar sobre os benefícios mencionados acima para ter uma scooter elétrica em 2022, não como a aquisição de um meio de transporte, mas como a escolha de novos e melhores hábitos.

Galeria Praiana Rua Marechal Floriano Peixoto, 121 Cavaleiros - Macaé/RJ Tel.: 22 99977-1300 @carbonozero

37


PESSOAS & NEGÓCIOS

O médico ginecologista e obstetra Dr. André Gervásio e a oftalmologista e sexóloga em formação Nairacyr Gervásio estão à frente da Casa Humanize

Partos humanizados com acolhimento, escuta, afeto e amor são a marca da Casa Humanize

A nova sede da Casa Humanize fica nos Cavaleiros em um ambiente espaçoso e aconchegante para receber as famílias com conforto e acolhimento

CASA HUMANIZE SAÚDE MATERNO INFANTIL

U

38

Por: Renatta Viana / Fotos: Alle Tavares

ma frase está na entrada da Casa Humanize e a sensação para quem entra no novo espaço não poderia ser melhor. “Dar a luz é o divino dom de humanizar o mundo”. Acolhimento, aconchego e bem-estar acompanham a Casa Humanize desde 2015, quando o médico André Gervásio teve seu despertar quanto à forma de nascer. Segundo ele, desde o início da vida profissional em 1999, seus atendimentos eram, como a maioria dos médicos, seguindo o sistema, com um fluxo gigante de pacientes e cerca de 20 cesáreas por mês. A partir de 2012, foi surgindo um grande desconforto e um curso de liderança fez com que o obstetra André buscasse um novo propósito em sua forma de atender. Em 2014, começou a entender o que é o movimento da humanização da assistência e, em 2015, fundou o Grupo de Apoio à Gestante “Humanize”. A Casa Humanize é composta por uma equipe transdisciplinar com médicos ginecologistas, obstetras, pediatras, enfermeiras obstetras, nutricionistas materno infantis, psicólogas, fisioterapeuta e a sexolóloga em formação Nairacyr Gervásio. Além da assistência ao nascimento desde a préconcepção, a Casa Humanize acolhe a mulher e a sua família oferecendo um atendimento baseado nas evidências científicas mais atuais, sempre com muita troca de informações e incentivando o autoconhecimento. A busca é pelo parto positivo, uma experiência única para a mulher e sua família que envolve parceria, empatia, prontidão, empoderamento e muita transformação; valores importantes para a Casa Humanize. Sobre isso, famílias vivenciam experiências engrandecedoras. Débora Inojosa e Fábio são pais do Theo, de 5 anos. Débora foi uma das primeiras pacientes em Macaé a vivenciar uma nova forma de

A Casa Humanize é composta por uma equipe transdisciplinar, com Dra. Ana médicos Carolinaginecologistas, Curty, ao lado, obstetras, inaugurou pediatras, um novo consultório enfermeiras obstetras, amplo e aconchegante Imbetiba para atender suasfisioterapeuta pacientes e sexóloga nutricionistas na materno infantis, psicólogas,

A arquiteta Márcia Carramenha, da Ambiente Urbano, foi a responsável pelo projeto da nova Casa Humanize

nascer por meio do parto humanizado. “Eu não tinha muita informação sobre as diferenças entre as vias de parto, mas com apenas 8 semanas de gestação e uma cesárea já agendada por uma médica, me senti invadida. Foi quando conheci o Dr. André e, a partir dali, fui construindo e conhecendo o parto natural através das consultas, dos encontros, da equipe. Fui empoderada no meu processo gestacional. Como ‘Humanizete’, eu estava informada e preparada para vivenciar meu parto. Estava sozinha quando minha bolsa estourou, fiquei tranquila e logo toda a equipe estava comigo. Passei todo o trabalho de parto em


Arquivo

Arquivo

Franciele Mario e Melqui Costa são pais de Bento. Eles conheceram a Humanize por indicação de amigos. Eles ganharam segurança no plano de parto pelo acolhimento e dedicação da equipe

Marina Zanette, o esposo Carlos Henrique e os filho Cecília e Antonio. Ela teve os dois filhos com partos humanizados, sendo que o pré-natal do Antonio foi coletivo, uma experiência marcante Arquivo

Aline Esteves teve os gêmeos Maria Clara e Miguel Arthur através do parto humanizado, com o apoio e acompanhamento do Dr. André Gervársio e toda a equipe da Casa Humanize

casa e só fui para o hospital no momento do nascimento do Theo, que chegou de forma totalmente humanizada, ou seja, sem intervenções desnecessárias”, recorda Débora. Já Marina Zanette e seu esposo Carlos Henrique, pais da Cecília e do Antonio, ambos assistidos pela Casa Humanize, acreditam que a humanização, a gentileza e o carinho são primordiais para o bom atendimento. “Fomos recebidos com atenção e cuidado. Os encontros têm a intenção de fazer as famílias se ajudarem, compartilharem a experiência da gestação, do parto e do puerpério, formando uma grande rede de apoio. Isso é incrível. Nos tornamos uma só família tanto com a chegada da nossa primeira filha, em 2017, quanto com a chegada do Antonio, em 2020. Fomos surpreendidos com a ideia do pré-natal em grupo, uma grata surpresa que gerou amizades para a vida. Eu ficaria dias falando de todas as formas que eles nos ajudaram”, conta Mariana. O casal Francieli Mario e Melqui Costa são pais do Bento e conheceram a Casa Humanize através de colegas de trabalho. “Sempre quisemos filhos, mas nunca havíamos pensado no parto e as histórias da Humanize nos cativavam. Curtimos muito a construção do plano de parto, nos abastecemos de informação sem deixar de viver a simplicidade do momento, a conexão pura e única com a natureza. Nos sentimos seguros porque todos os profissionais são muito apaixonados pelo que fazem, conseguiram deixar

Débora Inojosa e o filho Théo, de 5 anos. Ela foi a primeira paciente do Dr. Gervásio a dizer: “Sou uma Humanizete, fui transformada pela minha experiência”

o momento mágico. Sinto que cada parto também é único para a equipe. Eles pariram junto com a gente. Equipe Casa Humanize, para sempre em nossos corações”, destaca. A família Esteves também viveu uma grande história. Aline e Marcelo são pais dos gêmeos Maria Clara e Miguel Arthur, mas já eram pais do Nicholas. Quando engravidou dos gêmeos, Aline queria viver algo diferente do que foi sua primeira gestação e, a cada consulta, sabia que estava no caminho certo. “Fui mãe aos 32 anos, mas tive um aborto espontâneo e engravidei novamente 2 meses depois. Apesar da gestação muito difícil, meu desejo era o parto normal, mas fui convencida a fazer cesárea mesmo com 5 cm de dilatação. Pensava em não ter mais filhos e, aos 40 anos, engravidei novamente de um menino e uma menina. Sim, gêmeos! A realização de um sonho, e além de toda a família, a equipe Casa Humanize caminhou comigo. Miguel nasceu cefálico e, uma hora depois, Maria Clara veio pélvica, de bumbum. Meu parto foi lindo!,” finaliza.

Rua Acapulco, 250 Cavaleiros - Macaé/ RJ Tel.: 22 99702-5385 @casahumanize

39


PESSOAS & NEGÓCIOS

Médica traz novidades em equipamentos para a cidade e inova ao lançar uma revista institucional da sua clínica, a UNIK

Dra. Michele Monteiro trouxe para Macaé o Fotona StarWalker, que combina 14 modalidades de laser e quatro comprimentos de onda

MICHELE MONTEIRO CLÍNICA INTEGRADA

Por: Gianini Coelho / Fotos: Ana Amado

40


A revista oferece conteúdos relacionados a saúde, lifestyle e comportamento, sendo escrita por Michele Monteiro e alguns colunistas convidados

A revista UNIK é uma revista institucional da Clínica Michele Monteiro e será anual

A revista UNIK é um projeto feito em parceria com profissionais do setor, que também são clientes da Clínica Michele Monteiro

S

empre buscando oferecer inovações técnicas na dermatologia para seus clientes, Dra. Michele Monteiro termina 2021 com novidades para iniciar o próximo ano com muita beleza e estilo. A primeira novidade é a tecnologia Fotona StarWalker, tratamento de escolha para manchas na pele e tatuagens. A máquina combina 14 modalidades de laser e quatro comprimentos de onda, oferecendo maior precisão, rapidez e versatilidade aos procedimentos, tornando este laser ideal para tratar lesões pigmentadas, como melasma, sardas, manchas, escurecimento de axilas, virilha e tatuagens. O aparelho combina a alta energia do pulso de nanossegundo com os poderes do pulso ultracurto de picossegundo, elevando a eficácia, rapidez e segurança para um nível nunca antes alcançado. Possui tecnologia FracTat™, que permite a eliminação de tatuagens com menos sessões e efeitos colaterais. No melasma, seu diferencial é a capacidade de tratar todos os pilares da doença numa mesma sessão, que são: alteração vascular, inflamatória, alteração do colágeno e proliferação de pigmento. Neste último, ele não age apenas na melanina, agindo também no melanócito (célula responsável pela produção do pigmento da pele: a melanina). O Fotona StarWalker também trata cicatrizes, estrias,

doenças inflamatórias como acne e rosácea, promove grande rejuvenescimento da pele, elimina pelos finos e ainda trata verrugas e onicomicose. Outra novidade que a Dra. Michele traz é a revista institucional para sua clínica e suas pacientes, a UNIK. “Em 2016, eu tive a ideia de fazer uma revista para mostrar todo o trabalho que eu e minha equipe fazíamos, agora, essa vontade voltou, mas concluindo o que não foi possível na primeira edição, que é uma revista voltada exclusivamente para o meu público, onde todos os participantes do projeto são pacientes da clínica (desde o projeto gráfico, passando pelas modelos, fotógrafa e colunistas convidados). Eu sempre procuro fazer algo diferente, único e que esteja em sintonia com os valores da nossa clínica, assim como acredito que devemos valorizar nossa própria singularidade, e daí veio o nome UNIK, de única!”, destaca a dermatologista. A médica conta que a revista será editada anualmente e, nesta 1ª edição, ela ficou responsável por escrever todo o texto, exceto as colunas dos convidados. E ainda diz que contou com a ajuda da Lívia Mackie, designer gráfica. “A Lívia foi fundamental para que esse sonho se tornasse realidade. Compreendeu exatamente o que eu queria, concordou com a referência que eu queria usar e aceitou concluir esse projeto em tempo recorde”, destaca. Para saber o número de sessões e o protocolo ideal do Fotona StarWalker, é necessário fazer uma avaliação com dermatologista treinado pela Fotona. Já para conhecer o conteúdo da revista UNIK, ela será distribuída gratuitamente na Clínica Michele Monteiro e em alguns pontos comerciais da cidade, a partir de dezembro deste ano.

Rua Robert F. Kennedy, 13 - Cavaleiros - Macaé/ RJ Tel.: 22 2793-0486 / WhatsApp:22 99882-1015 @dramichelemonteiro

41


ESPAÇO ITALÍNEA

Arquiteta vem atuando principalmente em projetos residenciais, acompanhando a alta demanda gerada pela pandemia

ALINE SANCHES Por: Gianini Coelho / Fotos: Alle Tavares

42

by Italínea

Na sala, um aparador foi planejado para abraçar o sofá, delimitando melhor o espaço, e a parede da TV ganhou destaque com painéis ripados e revestimento 3D para valorizar o pé-direito alto

A

arquiteta Aline Sanches é apaixonada pela profissão e já atua no mercado há seis anos. Em janeiro de 2018, ela abriu seu escritório no bairro em que cresceu em Macaé/RJ e, desde então, vem atuando em projetos residenciais, comerciais, design de interiores e acompanhamento de obras. Em 2020, ela


Os móveis da cozinha foram planejados em tons coringa: Field, Névoa brilho e vidro Reflecta prata. Os metais dourados das banquetas e luminárias pendentes comversam com o revestimento das paredes A arquiteta Aline Sanches mostra o resultado final da cozinha com ilha com os armários da Italínea

consolidou sua marca, criando a empresa Aline Sanches Arquitetura, formando uma equipe de profissionais para poder dar conta do crescimento da demanda de serviços. Nesse projeto, os clientes compraram uma casa de uma construtora, ainda em obra, e contrataram a arquiteta para elaboração do projeto de interiores de alguns ambientes. Com diversas limitações impostas pela construtora, Aline planejou detalhes para o gesso e iluminação, sugeriu a troca de alguns acabamentos e abusou da criatividade nos móveis planejados para transformar essa residência comum em um lar que tivesse a cara dos moradores. “Os ambientes, que são integrados, seguiram o mesmo padrão de cores e acabamentos. Para se chegar a um resultado elegante, escolhi tons neutros, mas com variedade em texturas, como o MDF Field, um amadeirado mais claro, contrastando com o branco, que possui alto brilho. Na cozinha, a cristaleira com portas em vidro Reflecta prata é extremamente sofisticada e reflete a luz natural vinda da janela. Os metais dourados das banquetas e luminárias pendentes casam perfeitamente com o revestimento escolhido para as paredes em destaque”, finaliza Aline.

No armário de cozinha, a iluminação e os puxadores tipo slim trazem modernidade para o projeto

43


ESPAÇO ITALÍNEA

Arquiteta apresenta o projeto do seu novo escritório, feito por ela e executado pela Italínea Macaé

Na sala das funcionárias, o painel ripado em Dakar com iluminação pontual e mesas em Nébbia dão leveza e aconchego ao ambiente

FERNANDA MAIA by Italínea

N

Por: Gianini Coelho / Fotos: Alle Tavares

ascida em Campos, cursou Arquitetura e Urbanismo na Faculdade Multivix em Vitória, no Espírito Santo, onde morou por 9 anos. Em 2017, se mudou para Macaé e, em 2018, abriu o seu próprio escritório no sistema home office. A demanda por serviços arquitetônicos foi tanta, que Fernanda logo viu a necessidade de abrir um escritório que pudesse comportar novos funcionários e acompanhar o crescimento do negócio. “Fiquei impressionada com a demanda de serviços que encontrei em A recepção do escritório tem um ar minimalista, com painel em Dakar com perfis de led, tijolinho branco e armário com porta espelhada que esconde o DML

44


O cantinho do café ganhou um charme especial na decoração, com utilização dos planejados Italínea e um frigobar retrô

Na sala de reunião, Fernanda mesclou os planejados da Italínea, na estante multifuncional, com a mesa com tampo de mármore e pés em serralheria Rose Gold

Macaé, principalmente em projetos residenciais, área em que mais me identifico na arquitetura”, relata Fernanda. O seu estilo clean, contemporâneo e intimista está presente no projeto do seu escritório, onde ela conseguiu, de forma marcante, reunir sofisticação e minimalismo. O projeto de marcenaria foi feito pela arquiteta e executado pela Italínea Macaé. Ela utilizou os tons de Nébbia e Dakar dos acabamentos da Italínea, que junto aos detalhes de serralheria e iluminação pontual, deixaram o ambiente sofisticado, atemporal e aconchegante. “Fiquei muito satisfeita com o projeto do escritório, atendeu a todas as minhas expectativas e os clientes vêm elogiando bastante”, finaliza Fernanda.

Detalhe dos planejados na sala de reunião, com a iluminação pontual dando um charme a mais no ambiente

45


PESSOAS & NEGÓCIOS

Arquivo

O hemograma completo é um dos exames mais importantes para o monitoramento da saúde humana

Hemograma é o principal exame do setor de hematologia. Ele pode ser essencial para direcionar o diagnóstico de uma doença

Fernanda Cozendey é especialista em hematologia. O Beckman Coulter LH-750 é um aparelho de última geração, de alta precisão, que realiza cerca de 120 hemogramas por hora

BIOANÁLISE LABORATÓRIO

EXAMES HEMATOLÓGICOS SÃO FUNDAMENTAIS PARA MONITORAR A SAÚDE

F

46

Por: Tathiana Campolina / Fotos: Alle Tavares

ernanda Cozendey é especialista em hematologia pela UFRJ e mestre pela Universidade Estadual do Amazonas (UEA). Ela reforça a importância do hemograma para o monitoramento da saúde do ser humano e também destaca outros exames de sangue importantes que são realizados no Laboratório Bioanálise. “No laboratório, nós conseguimos descrever a morfologia das células, auxiliando o médico no direcionamento do diagnóstico”, explica a bióloga responsável pelo setor da hematologia do Bioanálise, Ela diz que, através do hemograma, consegue avaliar o ponto inicial para a investigação de doenças mais graves, inclusive quando os sintomas não são tão claros, como em casos de infecções, anemias e até mesmo leucemias. Utilizá-lo na triagem, auxiliando o prognóstico ou acompanhamento, pode ser essencial para direcionar uma conduta médica no diagnóstico e na solicitação de outros exames. O Bioanálise conta com um aparelho de última geração, automatizado e de alta precisão: o Beckman Coulter LH-750. Ele é capaz de realizar cerca de 120 hemogramas por hora com alta confiabilidade, incluindo a dosagem automatizada de reticulócitos (hemácias imaturas), que poucos equipamentos avaliam. Devido à eficácia e rapidez desse aparelho, se o exame for solicitado em caráter de urgência, poderá ser liberado em algumas horas após a coleta do sangue. Além do hemograma, o setor de hematologia também realiza os seguintes exames: avaliações da hemostasia (TAP, PTT, Fibrinogênio e Dímero-D); imuno-hematologia (grupo sanguíneo, Coombs direto e indireto); VHS1 (exame complementar que indica

algum processo de infecção ou inflamação) e o teste de hemoglobina glicosilada, que auxilia no diagnóstico e controle do diabetes. “No contexto da hemostasia, os exames são frequentemente utilizados para monitoramento do uso de anticoagulantes, além de serem indispensáveis em avaliações pré-operatórias. Em razão das características pró-trombóticas ocasionais em infectados pelo coronavírus, esses testes têm auxiliado muito a condução terapêutica e o acompanhamento de pacientes que tiveram Covid-19”, conta. Outro exame voltado para a coagulação é o Dímero-D. “Ele avalia a propensão de quadros de trombose venosa profunda (TVP), embolia pulmonar (EP) e acidente vascular cerebral (AVC), que são significativamente maiores e relevantes em pacientes infectados pelo coronavírus”, explica. No Bioanálise, todos os equipamentos para avaliação da hemostasia são automatizados e de última geração, o que garante precisão e confiabilidade dos resultados. Postos de coleta: MATRIZ Rua Visconde de Quissamã, 774 - Lj 1b - Centro - Tel: 22 2796-9800 CAVALEIROS Av. Nossa Sr.ª da Glória, 1789 - Lj 23 (Macaé Palace) - Tel:. 22 2106-6855 PARQUE AEROPORTO Rua Tancredo Neves, 734 (Antiga-62) - Tel: 22 2772-5178 BÚZIOS Estrada Velha da Usina, 300 - Lj 2 (Shopping Dom Quixote) - Centro Tel: (22) 2623-1081 RIO DAS OSTRAS Rua Jandira Moraes Pimentel, 326, Centro Tel: 22 2764-6429 QUISSAMÃ Rua Conde de Araruama, 738, Centro Tel: 22 2768-1577 CONCEIÇÃO DE MACABU Rua Rozendo Fontes Tavares, 9, Bocaina Tel: 22 2779-2075

@bioanaliselaboratorio www.bioanalisemacae.com.br Whatsapp: 22 2796-9800


47


PESSOAS & NEGÓCIOS

GLAM by MARCELO MUQUICI Texto: Marcelo Muquici / Foto: Manuela Duarte

PROJETO PACIFIC CATERING E LOG

Falar da Pacific Catering e Log é falar de competência. Uma empresa que atua na área de logística, ship chandler e fornecimento de produtos alimentícios para o mercado de óleo e gás. Para mim, foi um desafio fazer o projeto de interiores dessa empresa conceituada no mercado e dirigida pelo casal de empresários e amigos Júlio e Maria Luiza Lemos. Eles possuem um extremo bom gosto e são muito empenhados em tudo que fazem. O projeto de interiores da Pacific Catering traz soluções e inovações no conceito mobiliário como: cores, formas orgânicas, lâminas amadeiradas e pintura, projeto este assinado por mim e executado com perfeição pela Todeschini Macaé, empresa do Grupo Villa Are. Na realidade, eu quis trazer para o projeto corporativo a comodidade e a elegância do casal para dar mais conforto ao ambiente de trabalho. Desde a recepção até a sala do CEO, é possível perceber todo esse cuidado em cada detalhe do projeto e dos acabamentos. Uma marca que procuro imprimir em todos os meus projetos e que tem conquistado a satisfação plena dos meus clientes.

A sala da Maria Luíza possui um mobiliário mais sóbrio, contrastando com as cores vivas dos elementos de decoração

48

Na sala do CEO da Pacific Catering, Júlio Lemos, Muquici transmitiu elegância e sofisticação ao projeto, com espaços amplos e iluminados

Na recepção, o conforto e a ambientação do espaço ficam por conta do contraste das formas orgânicas dos móveis e dos acabamentos do mobiliário da Todeschini

Júlio e Maria Luiza Lemos são clientes de Muquici há anos e fizeram com ele, o projeto de interiores da Pacific Catering

Todeschini Macaé Av. Nossa Senhora da Glória, 689 Praia Campista • Tel: 22 2773 4200


PESSOAS & NEGÓCIOS

A Clínica Mariana Céliem fica localizada nos Cavaleiros, em um espaço amplo e aconchegante

Dermatologista macaense abre clínica nos Cavaleiros e ajuda a elevar a autoestima dos pacientes através do cuidado com a pele

Dra. Mariana Célem abriu sua clínica na cidade após se especializar em dermatologia em Belo Horizonte

CLÍNICA MARIANA CÉLEM

D

Por: Leila Pinho / Fotos: Alle Tavares

epois de fazer medicina em outra cidade e concluir a especialização em dermatologia, em Belo Horizonte, a macaense Mariana Célem voltou à cidade natal e abriu sua clínica. Localizada nos Cavaleiros, em um espaço amplo, confortável e sofisticado, a clínica que leva o nome da médica é voltada para ajudar pessoas a se sentirem bem, com a autoestima elevada, cuidando da pele. Dra. Mariana explica que oferece vários tratamentos estéticos, tanto para a face quanto para o corpo. A avaliação das necessidades de cada paciente é bem criteriosa para que os tratamentos estéticos ofereçam o resultado esperado. “Prezo muito pela pontualidade e pelo respeito ao tempo do paciente. Gosto de oferecer total atenção a cada um e, por isso, o tempo de consulta é mais longo”, fala a dermatologista. Alguns dos tratamentos estéticos são: Botox, preenchimento, microagulhamento, peelings, intradermoterapia (para melasma e crescimento capilar), emptiers (para redução de gordura localizada como papada) e bioestimuladores de colágeno.

Bioestimuladores de colágeno Conforme a médica esclarece, a perda de colágeno começa a partir dos 30 anos e, a partir daí, os sinais do envelhecimento começam a ficar mais evidentes. “É por isso que se fala tanto na importância de se formar um banco de colágeno. Em tratamentos com os Bioestimuladores de colágeno, a produção de colágeno é estimulada, atuando como uma forma de prevenção e tratamento do envelhecimento”, fala Dra. Mariana. Os Bioestimuladores de colágeno como: Fios de PDO, Sculptra e Radiesse são indicados para pessoas que sentem os efeitos do envelhecimento na pele, assim como pessoas que perderam muito peso e, por isso, percebem a pele mais flácida, e também quem tem rotina intensa de atividades físicas e pode ter, como efeito, mais flacidez.

O consultório da Dra. Mariana está equipado para realização de vários procedimentos

“O efeito é maravilhoso, os pacientes sentem a pele mais firme, a bochecha mais levantada, e dura, em média, de 1 ano e 6 meses a 2 anos. Os Fios de PDO também trazem um ótimo benefício, deixando a pele mais jovem, melhorando as linhas finas e a flacidez ao redor dos olhos e atenuando as rugas próximas à boca (código de barra)”, a médica exemplifica. O tratamento com os Bioestimuladores é feito em consultório, com anestesia local e não requer que o paciente fique em repouso. É normal ter um pouco de inchaço na área, mas apenas isso. O paciente pode seguir com sua rotina de vida normalmente após o procedimento.

Rua Joaquim da Silva Murteira, 121 - Sl 01 - Cavaleiros - Macaé/RJ Tel.: 22 98149-6193 @dramarianacelem

49


PESSOAS & NEGÓCIOS

Planejamento, trabalho e qualificação dos profissionais fazem parte do projeto que fará a empresa se transformar no próximo ano

A base da High Supply fica no Mar do Norte, na Rodovia Amaral Peixoto, km 159, em Rio das Ostras

HIGH SUPPLY OFFSHORE

CRESCIMENTO E TRANSFORMAÇÃO PARA O ANO DE 2022

U

Por: Tathiana Campolina / Fotos: Alle Tavares

50

ma empresa que nunca parou de crescer. Assim é a High Supply Offshore, que acabou de completar 12 anos e visa uma transformação em plena préadolescência. Com uma expectativa de crescer 35% em 2022 e aumentar 50% em contratos, a empresa se prepara para uma guinada no próximo ano. Planejamento, qualificação profissional e muito trabalho são as peças fundamentais que não podem sair da oficina da High Supply. A principal atividade do negócio é o aluguel de equipamentos para áreas classificadas. Para a área explosiva, a empresa oferece painéis elétricos Ex; refletores Ex; exaustores Ex; luminárias e máquinas de furar com base magnética pneumática, que não produz centelha. Para área de espaço confinado, a High Supply aluga detectores de gás e equipamentos de sistema de fuga e de resgate, como máscara de oxigênio com cilindro. Para a área de dutos, a empresa oferece biseladoras, que são máquinas pneumáticas de corte a frio. Equipamentos para trabalho de elevação também são

A High Supply investe e incentiva a capacitação profissional da sua equipe de 25 funcionários

oferecidos por ela, como talhas, tifor, guinchos, entre outros materiais. Hoje, a High Supply possui cerca de 10 mil itens disponíveis para locação. “Todos os nossos equipamentos, além do certificado de fábrica, também passam por calibragem e um teste na nossa sede antes de


Arquivo

A High Supply conta com uma linha de equipamentos seguros para as mais específicas necessidades na área de materiais eletro-blindados para atmosferas explosivas

Alexandre Bastos fundou a High Supply há 12 anos. No ínício, ele trabalhava em casa, usando sua garagem como estoque e, hoje, a empresa está em processo de expansão, com a construção de um novo galpão com 2.400m2

O galpão da empresa possui 700m2, com um estoque de 10 mil ítens disponíveis para locação

embarcá-los. Temos orgulho de dizer que nunca tivemos problemas com nossos produtos. Estamos sempre em evolução, adquirindo equipamentos novos e realizando manutenções”, ressalta o empresário Alexandre Bastos. Ele frisa que a empresa não oferece mão de obra para operar os materiais alugados. Alexandre também destaca que a High Supply fabrica painéis elétricos conforme a necessidade do cliente. A segurança e a qualidade são primordiais para a empresa. Por isso, a regra é: após a devolução, todos os produtos passam por uma manutenção criteriosa, realizada pelos profissionais especializados da empresa. “Hoje, nós temos 25 funcionários e a High Supply investe em capacitação dos profissionais. Todos os nossos trabalhadores passam ou já passaram por alguma qualificação. A empresa

incentiva e arca com alguns custos também. Nós temos ajudante que virou caldeireiro, soldador que virou técnico mecânico, técnico elétrico e temos técnicos que estão fazendo engenharia. Nós abraçamos a evolução dos nossos profissionais. Não é apenas a melhoria da qualificação profissional e da qualidade do serviço, é uma realização pessoal do trabalhador, um crescimento para ele”, destaca Alexandre. Há três anos, a empresa está na sua própria sede no Mar do Norte e, em 2022, mais um galpão, quatro vezes maior que a atual área, será inaugurado em frente à base. “Hoje, nossa empresa está em uma área de 700 m2 e temos um local alugado de 1.500 m2. O nosso novo galpão terá 2.400 m2 e ficará em frente à sede principal. Com esse crescimento, pretendemos ampliar a diversidade de equipamentos disponíveis para locação. Um dos produtos novos que vamos ofertar são os hidrojatos. Também teremos uma cabine de pintura, com objetivo de proporcionar uma maior diversidade de produtos sem perder a qualidade para o cliente”, conta. O empresário fala que toda essa estrutura foi fruto de muito trabalho. “Comecei bem pequeno, trabalhando em casa. Quando o espaço começou a ficar pequeno para guardar os materiais, eu aluguei uma casa ao lado da minha para ser a sede da empresa. Após seis anos nessa casa, viemos para a sede no Mar do Norte”, revela. Com a empresa cada vez mais consolidada e em plena expansão, Alexandre pretende realizar um grande desejo: “Pretendo começar a inserir o meu filho de 18 anos nas nossas atividades. Realmente é um grande sonho ver ele aqui comigo, se interessando pelo nosso trabalho”, finaliza.

Rodovia Amaral Peixoto, Km 159 - Mar do Norte - Rio das Ostras/RJ Tel.: 22 2771-7217 / 22 98802-3066 www.highsupplyoffshore @highsupply.offshore

51


PESSOAS & NEGÓCIOS

Salão no coração do bairro oferece espaço intimista e atendimento personalizado

Lígia Maximus uniu sua experiência em gestão com o talento do visagista Thassos Grecco para abrir o Maximus Studio, nos Cavaleiros

MAXIMUS STUDIO NOS CAVALEIROS

M

Por: Juliana Carvalho / Fotos: Alle Tavares

ais do que a preocupação com estética, priorizar um momento de cuidado para si também está ligado ao bem-estar e à autoestima. Pensando nisso, o Maximus Studio criou um conceito intimista. O salão, inaugurado em maio deste ano, nos Cavaleiros, vai conquistando seu espaço ao oferecer atendimento de qualidade, sem abrir mão do acolhimento individual. O Maximus une o talento do visagista Thassos Grecco e a experiência em gestão de Lígia Maximus, que decidiram levar para os negócios a relação que já havia entre cabeleireiro e cliente. “Eu e meus filhos já éramos clientes do Thassos e, durante uma conversa informal, surgiu a ideia de sermos sócios. Em pouco tempo, estávamos encarando o desafio de inaugurar esse espaço”, relembra Lígia, cujo sobrenome serviu de inspiração para o nome do salão. “O Maximus nasceu desse desejo de oferecer uma experiência nova e altamente personalizada”, diz Thassos, que atua há 14 anos na área e possui formações pela Internacional Hair School, em Portugal e na Espanha; Fernando Alves Academy Hair, entre outros.

52

Maximus em conforto e qualidade O espaço atende homens, mulheres e crianças. A decoração traz requinte e elegância, com detalhes que remetem a ambientes de aconchego como o cantinho do café ou, ainda, a varanda no segundo andar, onde os clientes ou acompanhantes podem desfrutar da bela vista da Praia dos Cavaleiros. O salão oferece cuidados para os cabelos, unhas, estética e maquiagem (eventos, day by day e temáticas), em um ambiente cuidadosamente planejado e pet friendly, além de estar disponível para festas no estilo “Dia de SPA”, tendência entre o público infanto-juvenil. O Maximus também está comprometido com ações sociais. No Outubro Rosa, por exemplo, as clientes que doaram suas mechas para o Grupo Renascer Costa do Sol tiveram gratuidade no corte. “O Maximus tem um atendimento diferenciado, em que todo cliente é tratado como se fosse VIP, até com a possibilidade de ser atendido pelo profissional em uma sala privativa. A decoração é elegante, sem ser aquela coisa fria, enfim, tudo no salão faz a gente se sentir muito à vontade”,

Dra. Maria Luiza Neres e o marido Dr. Rafael Peçanha aprovam os serviços e o ambiente aconchegante do studio

O casal Carla Duarte e Rodolpho Oliveira com a filha Isabela. Toda a família virou cliente do Maximus

detalha a Dra. Carla Duarte, cujo o salão se tornou referência para toda a família, desde a filha Isabela, de 6 anos, até o marido, Rodolpho Oliveira, e a mãe, Sonia Duarte da Silva. Dra. Maria Luiza Neres também aprova os serviços do studio. “O Maximus tem um ambiente muito acolhedor e aconchegante, com profissionais que eu conheço há anos e sou muito fã! Não só eu, mas também meu marido, que não abre mão do corte com o Thassos, que é maravilhoso para os meninos também”, declara. Av. Atlântica, 2500 - Loja 15 Cavaleiros - Macaé/RJ Tel.: 22 99865-7452 @ maximusstudiooficial


PESSOAS & NEGÓCIOS

A Essencial Aviamentos e Artesanato fica localizada na Glória, área que era carente desse tipo de negócio

Macaé ganha primeira boutique de aviamentos pet friendly e ainda com um espaço reservado para os homens, o chamado “maridódromo”

ESSENCIAL

Gerlane Mota e o marido Carlos Roberto Becker implementaram um novo conceito de armarinho, incrementando o negócio da família

AVIAMENTOS E ARTESANATO

N

Por: Tathiana Campolina / Fotos: Alle Tavares

o ano de 1987, o militar João Batista Araújo e sua esposa, Jussara Mota de Araújo, abriram a primeira loja de aviamentos e armarinho, no Beco do Caneco, que foi batizada de Novo Rio, uma referência à rodoviária da capital, onde a proprietária ia buscar as mercadorias. Um tempo depois, a loja mudou para a Rua Marechal Deodoro, onde se encontra até hoje. Foi nesse estabelecimento que eles criaram as duas filhas e viraram referência no setor em Macaé. Em 1998, o casal abriu uma nova loja na mesma rua, a Novo Natal, que atualmente é administrada pela filha Gislene Mota. Em setembro de 2021, após muita observação, análise do público durante a pandemia e estudo de mercado, nasce a Essencial Aviamentos e Artesanato. Uma loja aconchegante, repleta de significados, que une tradição e modernidade. Gerlane Mota, filha dos pioneiros, conta sobre o processo de abertura do novo espaço. “Com a pandemia, vimos a necessidade de uma loja na região dos Cavaleiros, pois havia uma grande demanda nas entregas do delivery e a região apresenta um crescimento constante. Por isso, resolvemos trazer uma nova proposta, um novo conceito em armarinho, mas com a mesma tradição dos negócios da família”, destaca. Gerlane trabalhou muito tempo no mercado offshore e, após a maternidade, trabalhou no seu canil especializado na raça Shih-Tzu. Após mudanças na vida pessoal, em 2018, ela voltou a colaborar com o negócio da família. O apoio e a experiência gerencial do seu marido, Carlos Roberto Becker, foi fundamental no processo de expansão das lojas. “Voltar a trabalhar com a minha família foi fundamental para me reconstruir, criar meus filhos e aprender com toda a equipe de funcionários das lojas. Essa nova loja tem um significado especial e representa o fortalecimento da nossa história, pois juntos somos mais fortes”, diz Gerlane. A experiência do casal João e Jussara, a visão jovial das filhas Gislene e Gerlane, junto com a visão empresarial do marido de Gerlane, Carlos Roberto, foram ingredientes fundamentais dessa nova fase da Novo Rio. Da fabricação ao produto final, a Essencial Aviamentos tem mercadorias para todos os tipos de clientes. A nova loja é um verdadeiro parque de diversões para quem é apaixonado por artesanato. Os produtos estão expostos para o cliente ver, tocar e avaliar a sua necessidade. O local incentiva o consumo consciente e todos os produtos são fracionados e vendidos em pequenos kits, para atender à necessidade do consumidor.

João Batista Araújo e Jussara Mota de Araújo são os pais de Gerlane e fundadores do Armarinho Novo Rio, no Centro, desde 1987

Gislene Mota administra o Armarinho Novo Natal, que também é da família, e fica no Centro, na Rua Marechal Deodoro

Além disso, a loja é climatizada, sendo o primeiro armarinho pet friendly da cidade e ainda possui um “maridódromo”, ou seja, enquanto a mulher escolhe os produtos, o marido tem um espaço reservado para esperá-la, tomando uma água, café ou cerveja. “O setor de artesanato cresce diariamente e as mulheres não devem perder a sua autonomia profissional”, conclui Gerlane.

Rua Maria Francisca Borges Rego Reid, 14, Loja 04 - Bairro da Glória Macaé/RJ - Tel: 22 2023-3685 - WhatsApp: 22 99249-5878 @essencialaviamentoseartesanato

53


PESSOAS & NEGÓCIOS

Leônidas, ou “Seu Léo”, em ação na sua mesa no escritório do Posto Príncipe

Um legado de trabalho, amizade e amor deixado por Leônidas Fonseca para a família, amigos e clientes do posto

A fachada do Posto Príncipe. Há 50 anos uma referência comercial na Av. Rui Barbosa ou Rua Direita, para os mais antigos

POSTO PRÍNCIPE 50 ANOS á cerca de 50 anos, a família Tannus Fonseca chegava em Macaé. O jovem Leônidas Antônio da Fonseca, nascido na pequena cidade de São Benedito, como ele contava orgulhoso, tinha acabado de pedir demissão de um banco estadual em Bom Jesus do Itabapoana e vislumbrava no município macaense uma oportunidade para colocar em prática toda sua vocação nata para o comércio. O Posto Príncipe se tornou, ao longo dos anos, um caminho de oportunidades e prosperidade em uma história que se mescla com o boom do desenvolvimento de Macaé, amparada pela chegada da Petrobras na década de 1970. Grande companheira de vida, que compartilhou 60 anos ao lado de Leônidas, Regina recorda, emocionada, dos momentos ao lado do marido. “Nós vivemos o momento de mudança da cidade. Chegamos em Macaé em 1971, anos depois chegaria a Petrobras impulsionando o desenvolvimento. E a gente participou dessa história, já que o posto abastecia várias empresas. O Leônidas sempre muito envolvido, participava de tudo. Ele tinha realmente uma paixão pelo posto, eu costumava brincar que o meu rival era o posto”, conta Regina, ressaltando que mesmo sem ter necessidade, o marido fazia questão de ir ao posto todos os dias e continuar trabalhando. Em junho de 2020, Seu Leônidas celebrou 80 anos. Em dezembro do mesmo ano, a família sentiu o baque da sua morte, mas encontra nas sementes de amor, honestidade e tantas outras, a força para seguir com a união e alegria que ele tanto prezava. “Ele era um homem fantástico, como marido, pai, avô e amigo. Um apaixonado pela vida, pela família e que acabou se apaixonando também por Macaé, cidade que nos acolheu de braços abertos e nos deu tantas oportunidades”, ressalta Regina.

54

Léo, Anna Paula e Juliano - frutos do amor de Seu Léo e Dona Regina Os filhos: Léo, Anna Paula e o caçula Juliano foram crescendo envoltos pelo dinamismo do pai, que conduzia o negócio sem abrir mão de desfrutar da companhia da família que, anos mais tarde, cresceria ainda mais com a chegada dos netos: Thales, Ester, Sarah, Leon, Thor e Gael. “Sempre ouvi meu pai contar que estava em dúvida entre uma farmácia em Niterói e um posto de gasolina em Macaé. Acho que sua intuição para bons negócios o ajudou em sua decisão e, pouco tempo depois, estávamos todos aqui na cidade. Meu pai era um ‘gozador’ nato. Trotes telefônicos, pegadinhas, planos mirabolantes... todos que

Alle Tavares

H

Por: Juliana Carvalho / Fotos: arquivo

A família reunida no escritório de Seu Léo, no Posto Príncipe: a esposa Regina e os filhos Léo, Anna Paula e Juliano

Algumas peças que fizeram parte da história dos 50 anos do Posto Príncipe na cidade

o conheciam sabiam disso, mas caíam em suas brincadeiras mesmo assim... ele era uma figuraça. Com o príncipe Leônidas, aprendi naturalmente, sem fazer nenhuma força, valores como ética, caráter e honestidade”, pontua o primogênito, Leônidas Júnior. “O dia que meu pai colocou os pés em Macaé para iniciar esse novo projeto de vida foi no dia do meu aniversário: 19 de outubro, data que se tornou ainda mais marcante para mim. Falar do meu pai é falar de simplicidade, honestidade, humildade, amor e bom humor. Cresci vendo meu pai como esse exemplo de um cara que corre atrás dos seus sonhos. Chegamos aqui em Macaé sem nada, sem


Alle Tavares

O taxista Paulo de Souza foi um dos primeiros amigos de Leônidas ao chegar em Macaé e continua abastecendo seu táxi até hoje no Posto Príncipe O maior tesouro de Leônidas, a família toda reunida. Da esquerda para a direita: Gael, Leon, Sarah, Thyane, Seu Léo, Léo, Juliano, Érica, Ester, Thales, Adriano, Anna Paula, Dona Regina e Thor Alle Tavares

A equipe ataul do Posto Príncipe. Para seu Léo, era mais que uma equipe, era uma família. Da esquerda para a direita: Paulo de Menezes, Roberto Ribeiro, Caroline Peixoto, Rosilene Castro, Carlos Eduardo, Leandro Braga e Celso Cardoso

conhecer ninguém e, mesmo sem ter feito faculdade, ele já tinha uma característica empreendedora e conseguiu ter êxito em seus planos, sempre com muito pé no chão”, destaca Anna Paula. “Uma característica marcante do meu pai é que ele sempre queria a família por perto. Lembro que, quando eu era pequeno, ele mandou fazer uma mesa do meu tamanho e colocou ao lado da dele no escritório. Ele tinha orgulho em ter a gente no trabalho, vendo o que ele fazia, uma prática que repito hoje com meus filhos. Meu pai também era uma pessoa leve que levava essa atmosfera para o ambiente de trabalho, tanto que muitos funcionários do Posto Príncipe começaram lá bem novos e só saíram quando se aposentaram. Todo esse exemplo e motivação me influenciaram e fizeram com que eu tivesse esse propósito na vida, o de ser um orgulho para os meus filhos, assim como meu pai foi para mim”, afirma Juliano. Seu Léo - Um legado de amor e amizade “Um grande bom amigo”. É assim que muitos que tiveram a oportunidade de conviver com Seu Léo o descrevem. Ao longo dos anos, a jornada no Posto Príncipe foi marcada por histórias de amizades que começaram exatamente ali. O taxista Paulo de Souza é um deles. Aos 81 anos, ele continua na ativa exercendo a profissão e se recorda com saudade do tempo em que o amigo Léo deixava que o carro dele ‘dormisse’ no posto porque sua casa não tinha garagem. “Ele era assim, um homem que se preocupava e se importava com os outros. Nossa relação era muito próxima, fui uma das primeiras pessoas que ele conheceu em Macaé. Sempre uma pessoa muito alegre e disposta a ajudar os outros”, revela.

Caroline Vasconcellos trabalha no Posto Príncipe há 19 anos e afirma que os ensinamentos deixados por Leônidas servem de base para todos os funcionários, tanto no relacionamento interno quanto no tratamento com os clientes. “Acabamos por nos tornar grandes amigos. Seu Léo tinha um jeito único de lidar com as pessoas e isso é algo que cativa e marca. Aqui no posto, ele sempre fez questão de que cada funcionário se sentisse não como parte de uma empresa, mas de uma grande família”, garante. Os 50 anos do Posto Príncipe chegam com a certeza de que mais do que se empenhar na construção de um negócio, a vida de Leônidas da Fonseca deixa um legado de perseverança e dedicação naquilo que se acredita e ao amor, compartilhado por todos que tiveram o privilégio da sua convivência: família, amigos, companheiros de trabalho e clientes.

As memórias existem para nos fazer olhar para a frente. É possível voltar no tempo. Só é preciso lembrar que, ao chegar na estação ‘saudade’, não podemos parar. Nosso roteiro é sentir, se iluminar e seguir... Tr e c h o r e t i r a d o d o t e x t o d o e s c r i t o r Allan Dias Castro, pela filha Anna Paula

Av. Rui Barbosa, 693 - Centro - Macaé/RJ Tel.: 22 2762-1870

55


PESSOAS & NEGÓCIOS

A Aliança Soluções é representante exclusiva da empresa Multilimp, fornecendo desengraxantes e detergentes industriais

Parcerias garantem produtos nacionais exclusivos, qualidade, preço e pronta entrega

A nova base da Aliança Soluções foi inaugurada em agosto, operando com estoque próprio e agilidade na entrega

ALIANÇA SOLUÇÕES,

A RAINHA DOS LUBRIFICANTES E DA LIMPEZA INDUSTRIAL

O

56

Por: Tathiana Campolina / Fotos: Alle Tavares

mundo offshore já sabe: a Aliança Soluções é a empresa que garante o produto que você precisa, no melhor preço e prazo. O que muitos não sabem é que a empresa também tem parceiros exclusivos, que desenvolvem mercadorias conforme a necessidade do cliente, além de ser representante única de alguns materiais essenciais para o trabalho do mundo industrial. Com a empresa Molybras, a Aliança Soluções cria graxas e lubrificantes nacionais com a mesma qualidade dos produtos internacionais. O empresário Paulo Roberto Antal conta que a empresa é uma fábrica de lubrificantes, localizada em Cotia/SP, capaz de produzir um produto totalmente brasileiro, conforme a necessidade do cliente. “Já desenvolvemos mais de vinte produtos exclusivos em parceria com a Aliança Soluções. Normalmente, o cliente passa todas as especificações da mercadoria que necessita para a equipe de Macaé. Nós estudamos a fórmula, desenvolvemos, trabalhamos a embalagem e adequamos o produto a todas as normas brasileiras. Todos os produtos desenvolvidos são da nossa marca HTS Lubrificantes do Brasil, e a venda dos produtos desenvolvidos em parceria com a Aliança, apenas ela comercializa”, explica Paulo. Os produtos desenvolvidos possuem amostras de retenção por cinco anos. “É um procedimento interno. Nós guardamos sempre uma amostra

A Molybras fornece graxas e lubrificantes nacionais para a Aliança, com a mesma qualidade dos produtos importados

do produto fabricado, pois se o cliente tiver algum problema, temos como verificar o que aconteceu. É uma questão de qualidade e segurança para a fábrica e para o comprador”, diz o fornecedor. A Aliança Soluções também representa com exclusividade a empresa Multilimp, de Contagem/MG, nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. Ela fornece material de limpeza industrial, como desengraxantes e detergentes industriais, além de linhas de higienização institucionais, ou seja, para ambientes corporativos e hotelaria. Os produtos são biodegradáveis e atendem às normas ambientais. “Somos parceiros há mais de 20 anos e eu sempre acreditei na parceria com a Aliança, pelo compromisso que eles têm. Eles são os responsáveis por implantar a Multilimp nas empresas offshore e espero continuar com essa parceria por mais 20 anos”, declara o empresário Rogério Chaves Brandão. A empresária Regina Augusto destaca a importância do trabalho com outras empresas. “A Aliança nasceu para ser diferente. Buscamos sempre a excelência e só conseguimos esse resultado devido às parcerias. Formamos esta forte ‘Aliança’ para garantir bons negócios para todas as partes envolvidas. A Multilimp e a Molybras têm um papel importante nas nossas atividades”, conclui.


57


PESSOAS & NEGÓCIOS

Há mais de 20 anos no mercado, escritório contábil surpreende com modernidade e novos serviços

Um negócio de família. Cristiane Moreira e Adiel Portes à frente dos seus filhos Igor Moreira e Caio Portes. Eles criaram a empresa há mais de 20 anos e, agora, estão tendo a participação dos filhos

MOREIRA PORTES CONTABILIDADE bertura de empresas, regularização de débitos, análise tributária, fechamento de folha de pagamento onshore e offshore e assessoria contábil são apenas alguns dos serviços oferecidos pela Moreira Portes Contabilidade. Uma empresa com 20 anos no mercado, que vem se destacando no ramo e se mostra cada vez mais moderna e atual diante das demandas contábeis. Os sócios proprietários Cristiane Moreira e Adiel Portes contam que a empresa realiza um trabalho humanizado. “Investimos em ações e ferramentas que aumentam o bem-estar no trabalho, fazendo com que os colaboradores se sintam acolhidos durante a sua rotina de trabalho, gerando satisfação para dar um bom atendimento personalizado a cada cliente”, conta Adiel, destacando que a empresa investe muito em tecnologia para poder atender empresas de todo o Brasil. A Moreira Portes possui um aplicativo próprio que torna possível o acesso direto a toda a documentação de sua empresa, bem como a todos os setores do escritório, o que facilita a comunicação direta com o cliente, tendo assim os serviços realizados com mais rapidez. E o mais importante, na palma da mão, inclusive proporcionando facilidade para o pagamento dos seus tributos, sem nem mesmo precisar abrir o e-mail. Tudo isso para que o cliente não perca tempo com burocracia tributária, para focar no que verdadeiramente importa, a gestão do seu negócio. Dados mostram que 60% das empresas fecham as portas em até 5 anos após serem criadas. Empresas que não possuem um bom controle financeiro e que tomam decisões sem respaldo em números e valores reais não conseguem mensurar custos e, consequentemente, não controlam seus gastos e despesas apropriadamente. Sabendo disso, a Moreira Portes Contabilidade iniciou um serviço de gestão financeira, o BPO Financeiro (Business Process Outsourcing), serviço à parte da contabilidade.

58

A atual sede da Moreira Portes foi toda remodelada em 2018, oferecendo mais conforto e facilidade para seus colaboradores e clientes Arquivo

A

Por: Renatta Viana / Fotos: Alle Tavares

Vinícius Aguiar, da Ornare Rio de Janeiro, está sendo atendido pela Moreira Portes 100% online e está muito satisfeito com o atendimento e com os resultados


Arquivo

O Coworking é um ‘plus’ oferecido para os clientes da Moreira Portes, onde eles contam com escritórios e salas de reuniões compartilhadas

“Hoje, trabalhamos com procedimentos em todos os setores. Estamos em fase final da implementação da ISO 9001/2015, trazendo cada vez mais controle e qualidade nos serviços que prestamos, pois estamos sempre em busca do que há de melhor para agregar segurança e qualidade aos nossos serviços”, destaca Cristiane. Agregando valor ao negócio, a Moreira Portes também possui um espaço compartilhado de trabalho e endereço virtual para empresas que não têm sede administrativa estabelecida na cidade, o 22 Coworking, o que acaba sendo um “Plus” a mais para os clientes que queiram alugar salas equipadas com internet, serviços de copa e cozinha, secretária, segurança e, principalmente, reduzindo seu custo fixo consideravelmente. Jean Carvalho é proprietário da Qualificada Comunicação Visual e há mais de 20 anos é cliente da Moreira Portes que, desde o início, o auxiliou com a legalização da empresa. “Conheci a Cristiane Moreira e, pouco tempo depois, o Adiel Portes, para formar essa dupla de profissionais competentes e muito atenciosos. Estreitamos os laços profissionais para uma relação de amizade, pois o sucesso da Moreira Portes reflete diretamente no sucesso da Qualificada. Hoje, tenho um escritório de contabilidade profissional ajustado às necessidades da minha empresa. O atendimento me traz segurança, tranquilidade e me dá ainda mais certeza de que minha empresa sempre esteve em boas mãos”, destaca Jean.

O empresário da área de publicidade Júlio Marinho e sua esposa Gabriela Fragoso. Ele é cliente da Moreira Portes há 5 anos

Já Júlio Emílio Marinho está com a Moreira Portes há 5 anos, com suas duas empresas, a Marinho Ideias Agência de Publicidade e a Barba Negra Publicidade. Segundo Júlio, além de todo o suporte contábil que suas empresas recebem, ele conta com um atendimento individualizado e diferenciado. “Muitas vezes me dão suporte e orientações administrativas, e sobre questões sistêmicas. Não preciso me preocupar em cobrar nada, eles me lembram de tudo, quanto aos prazos, por exemplo. Não temos problemas fiscais, nos indicam melhorias da área e, por isso e muito mais, que nos sentimos muito seguros”, ressalta. Vinicius Aguiar é representante da Ornare Móveis no Rio de Janeiro, sendo cliente há 1 ano. “Estávamos reorganizando a estrutura interna da empresa quando surgiu a Moreira Portes, através do atendimento diferenciado do Adiel. Tudo o que vimos de bom na forma como ele e sua sócia Cristiane se empenharam no atendimento está nitidamente refletido na equipe da Moreira Portes. Simplicidade, clareza, organização, lógica. O modelo de contabilidade que eles ofereceram no início, e entregam até hoje, tem muita competência e profissionalismo. Tudo isso num atendimento 100% online. Eles, de Macaé, deram todo o suporte para a nossa estrutura no Rio, transformando a contabilidade num passo a passo prazeroso de como fazer estratégias e desvendar números sem dificuldade e com leveza”, finaliza.

59


PESSOAS & NEGÓCIOS

Marcelo Merrel e a esposa Rivany são fãs das culinárias italiana e mineira e recomendam a Feito com Arte para a família e amigos

Restaurante aposta na culinária italiana e no acolhimento aos clientes no Mirante da Lagoa

O casal Leonardo e Ana Paula Gazire mesclou as raízes da gastronomia italiana com o melhor da culinária mineira, e mais o acolhimento, comum às duas tradições

FEITO COM ARTE GASTR0NOMIA E LAZER

O

60

Por: Alysson Nogueira / Fotos: Gianini Coelho

s apreciadores da boa culinária agora têm endereço certo em Macaé. Localizado no bairro Mirante da Lagoa, o empório e restaurante Feito com Arte traz um conceito que mistura a gastronomia italiana com o que há de mais saboroso na culinária mineira. Mas você deve se perguntar, essa combinação realmente dá certo? Por incrível que pareça, faz toda a diferença! Quem garante é o casal de empresários Leonardo e Ana Paula Gazire. A junção das raízes italianas agregadas ao acolhimento mineiro é o diferencial do negócio. “Sempre gostamos de receber amigos em nossa casa e, como é tradição em Minas, tudo acaba na cozinha. Assim surgiu o Feito com Arte! Aqui, é como o quintal da nossa casa, pois adoramos conhecer novas pessoas e nada melhor que uma boa culinária, recheada de sabores fantásticos, agregada ao aconchego do nosso espaço,” afirma Ana Paula. No Feito com Arte, além das mais variadas opções da culinária italiana e mineira, como as tradicionais lasanha e pizza, e quitutes como língua ao vinho e jiló empanado, o casal resolveu oferecer aos clientes uma carta de vinhos selecionados a dedo por eles, proporcionando harmonização com cada prato. O restaurante oferece, ainda, caldos, opções sem glúten, vegana, fitness, guarnições e drinks especiais para aqueles que buscam um delicioso happy hour. “Não é apenas oferecer produtos com sabor e qualidade, mas sim proporcionar aos nossos clientes uma experiência gastronômica prazeirosa. Aqui inovamos, criamos e aperfeiçoamos todos os dias, treinando e desenvolvendo nossa equipe de trabalho”, afirma Leonardo. O Feito com Arte conta também com o delivery consolidado e à disposição para levar os melhores pratos até a sua casa. “Vale lembrar que possuímos um enorme e variado cardápio na seção de congelados e sobremesas”, ressalta Guilherme Gazire, um dos filhos do casal. O espaço lounge, criado recentemente, tem sempre uma programação especial, com música ao vivo e telão para transmissão de jogos. A ideia da família Gazire é proporcionar aos seus clientes um local acolhedor para curtir momentos com familiares e amigos. A empresária Nívea Araújo, proprietária da Global School, conheceu o espaço, se encantou e, agora, além de cliente assídua, se tornou uma grande amiga. “Estive a primeira vez com minha filha para um lanche e retornei no fim de semana para almoçar com a família. Amei tudo, do ambiente à culinária,

Nívea Araújo e o marido Ruy Barbosa adoraram o cardápio da casa e aprovaram o novo espaço, com música ao vivo

A Feijoada é um prato tradicional do Feito com Arte, sendo servido sempre aos sábados, no almoço

maravilhoso. É muito acolhedor. Todos são muito atenciosos! Eu percebo o carinho e o comprometimento de todos no restaurante. Só tenho boas referências”, ressalta. “Feito com Arte. O nome já diz, um restaurante aconchegante e uma família que está sempre pronta para te atender com toda a atenção e alegria! Além da excelente culinária, possui uma carta de cervejas especiais e petiscos deliciosos. A tradicional feijoada aos sábados é divina, que conta também com opção vegana. Super recomendamos esse local para os amigos e familiares”, relata o empresário Marcelo Reid, mais conhecido como “Merrel”. É como diz o slogan da casa: Feito com Arte, feito para você! Av. Nelson Carvalhaes, 100 Mirante da Lagoa - Macaé/RJ Tel.: 22 99790-4708 @feito.comarte


PESSOAS & NEGÓCIOS

Clínica nos Cavaleiros oferece experiência de autocuidado, com dermatologia e ginecologia

A dermatologista Dra. Tatiane Viegas inaugurou sua clínica para oferecer uma experiência de autocuidado e bem-estar às suas pacientes

CLÍNICA TATIANE VIEGAS

R

Por: Leila Pinho / Fotos: Alle Tavares

ecém-inaugurada nos Cavaleiros, a Clínica Tatiane Viegas oferece uma experiência de autocuidado que conduz ao bem-estar, à elevação da autoestima e à satisfação pessoal, com tratamentos médicos dermatológicos e ginecológicos.

Dra. Tatiane Viegas - Dermatologista Especialista em dermatologia, com título pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, a Dra. Tatiane Viegas reúne a experiência de 17 anos de clínica com a frequente atualização nos tratamentos mais modernos para oferecer todo tipo de cuidado com a pele, com foco no plano de beleza para o envelhecimento. Alguns dos tratamentos dermatológicos são: Bioestimuladores de colágeno, Botox, hidratação injetável, Ultraformer, Fios de PDO, preenchimento, laser de CO2 e laser Etherea, harmonização de bumbum, entre outros. “Nossa clínica SPA proporciona momentos de cuidado com o que há de mais moderno como o Coolsculpting, um aparelho que quebra até 27% da gordura corporal”, ressalta. O tratamento é indicado para tratar gordura localizada como: papada, gordura nos braços, os pneuzinhos e gordura abdominal. Tem ainda o SPA Capilar, com serviços voltados para cuidar das doenças do couro cabeludo e também da beleza dos fios.

A ginecologista Dra. Carol Dalboni usa a medicina integrativa e ginecologia endócrina para trazer saúde e qualidade de vida para a mulher

Dra. Carol Dalboni - Ginecologista Como médica da mulher, a clínica conta com a Dra. Carol Dalboni, com título de especialista em ginecologia e obstetrícia e com mais de 20 anos de experiência. Ela busca avaliar a história e a necessidade de cada paciente usando a medicina integrativa e a ginecologia endócrina para trazer saúde e qualidade de vida para a mulher. “Na consulta, busco entender a necessidade da paciente como um todo, aliando o tratamento de acordo com a necessidade e estilo de vida de cada uma, com tratamentos personalizados.” Entre os tratamentos oferecidos pela médica estão: a modulação hormonal, ajustes metabólicos, correção de hábitos de vida e alimentares, terapias injetáveis, planejamento do ciclo, melhora da vida sexual, perfomance física, peso corporal, fertilidade, endometriose, melhora dos sintomas na menopausa, entre outros. Dessa forma, a Dra. Carol acompanha suas pacientes em todas as fases da vida da mulher.

Rua Joaquim da Silva Murteira, 95 - Sala 103 Cavaleiros - Macaé/RJ - Consultas Tel.: 22 99700-0101 @dratatianeviegas @dracaroldalboni

61


PESSOAS & NEGÓCIOS

Muito mais que um mercado, um complexo gastronômico no coração dos Cavaleiros

O Villa Mercado fica localizado na Rua Franklin Roosevelt, no centro pulsante dos Cavaleiros

VILLA MERCADO

HORTIFRUTI, MERCEARIA E BISTRÔ

V

Por: Leila Pinho / Fotos: Alle Tavares

ocê já foi à Praia dos Cavaleiros e sentiu falta de poder comprar, ali mesmo, algo para preparar o almoço em casa? Ou então, gostaria de não ter que ir ao Centro pra fazer um bom hortifruti, com frutas selecionadas e tudo fresquinho? Muitas pessoas que moram na região dos Cavaleiros ou que frequentam a praia sentem falta disso. Mas agora, não mais. É que acabou de inaugurar o Villa Mercado, um mercado que tem de tudo um pouco para atender tanto os moradores dos Cavaleiros e bairros do entorno, quanto os frequentadores da praia. Muito mais que um mercado, trata-se de um verdadeiro complexo gastronômico que fica no coração do bairro, na Rua Franklin Rooselvelt, em frente à academia Equipe Atlética. Tem variedade de produtos, marcas e estacionamento ao lado. Com projeto arquitetônico de Julia Brennand, o ambiente é agradável, seguro e bonito.

62

Os amigos e sócios proprietários do Villa Mercado. Da esquerda para a direita: Thales Wenderroscky, Maria Clara Curvelo, a arquiteta Julia Brenand e Rodrigo Peçanha e, ainda, Thiago Wenderroscky, que não está na foto

O empreendimento é dos amigos e sócios macaenses Maria Clara Curvelo Henrique, Rodrigo Peçanha Souza, e dos irmãos Thiago e Thales Pereira Wenderroscky, que são moradores da região e perceberam a carência de um mercado como esse nos Cavaleiros. Segundo Maria Clara explica, o Villa possui três grandes seções: o hortifruti, a mercearia e o bistrô.


O hortifruti também oferece porções de frutas prontas para consumo imediato, ideal para quem está indo ou saindo da praia

A mercearia conta com uma diversidade de produtos, nacionais e importados, como massas e molhos italianos e muito mais

O Villa Mercado tem uma parceria exclusiva com a Forno Padaria para fornecer diversos pães artesanais no mercado

Mercearia A mercearia, que fica na parte central do mercado, conta com diversidade de produtos como: itens de limpeza, higiene pessoal, grãos, laticínios, bebidas, rotisseria, padaria, congelados, massas, bomboniere, entre outros. Na seção de carnes, há opções de congelados e resfriados, cortes tradicionais e cortes nobres também. Os pescados oferecidos também são congelados. Nas gôndolas, é possível encontrar tanto produtos de várias marcas nacionais quanto importados e, ainda, de fornecedores da região do Estado do Rio. Maria Clara dá alguns exemplos de produtos diferenciados encontrados no Villa. “Massas e molhos italianos, queijos importados, arroz arbório e negro de marcas diferentes, itens finos de bomboniere e por aí vai”, cita.“Temos também uma parceria com a Forno Padaria Artesanal e vendemos, com exclusividade, diversos pães em nosso mercado”, ressalta Rodrigo. Na seção rotisseria tem pastinhas, geleias, diversidade de frios (fatiados bem fininhos e na hora), etc. Bistrô “O cliente pode fazer suas compras e ainda tomar um café ou fazer uma refeição em nosso Bistrô, em ambiente muito agradável”, fala Rodrigo. Conforme explica Maria Clara, o Bistrô funciona em tempo integral com menu diferente para cada momento do dia. Pela manhã, são servidas refeições de café da manhã, com alguns cafés especiais e ainda o café colonial. Já na hora do almoço, o cardápio conta com um menu executivo de grelhados com acompanhamentos, além de sugestões do dia. No período da tarde, há opções de café também. E, já à noite, o pedido é

Arquivo

Hortifruti Os irmãos Thiago e Thales usaram a experiência que possuem na gestão do Supermercado Azul (em Costa Azul, Rio das Ostras) para agregar valor ao hortifruti, prezando pela venda de frutas selecionadas, assim como de verduras, legumes e hortaliças. Thiago destaca que os itens são de primeira qualidade. Seguindo as necessidades da vida moderna, o Villa oferece algumas opções de frutas togo, que são porções de frutas já prontas para consumo imediato, como por exemplo, picadas em pedaços. Há ainda algumas opções de orgânicos, e frutas mais raras como pitaya, melancia amarela e grapefruit.

O Bistrô funciona em tempo integral, com café colonial de manhã, menu executivo no almoço, cafés e lanches à tarde e à noite. Oferece ainda um happy hour, com drinks e tapas no cardápio

ideal para um happy hour, com algumas variedades de drinks e, para comer, entradinhas e tapas. Tudo isso no lugar em que você pode fazer todas as compras que precisa para sua casa!

63


PESSOAS & NEGÓCIOS

Cabelo bonito e com saúde é a proposta do Espaço Raiz, que agora também oferece tratamentos estéticos para os fios

O Espaço Raiz ampliou o leque de serviços aos clientes, com a oferta de vários tratamentos estéticos para eles

ESPAÇO RAIZ TERAPIA CAPILAR

COM NOVAS OPÇÕES DE TRATAMENTOS

C

64

Por: Leiila Pinho / Fotos: Alle Tavares

om a proposta de mostrar que a saúde e a beleza podem andar juntas nos tratamentos capilares, o Espaço Raiz amplia seu espaço físico e portfólio de serviços para ajudar os clientes a cuidarem bem dos seus cabelos. Além do Espaço Raiz ser especializado em tratamentos de saúde relacionados ao couro cabeludo, sob responsabilidade técnica da tricologista Taila Macedo, também oferece vários tratamentos estéticos para a haste capilar. Quem explica um pouco sobre como os serviços são oferecidos é a tricologista. “Nós fazemos um protocolo individualizado, analisamos tanto o couro cabeludo quanto o fio, sempre com a preocupação de oferecer tratamentos estéticos com mais saúde. Depois, indicamos o cronograma capilar com tratamentos com a nossa cabeleireira profissional Taise Rodrigues e também as orientações para a rotina de cuidados em casa”, esclarece Taila. Atualmente, principalmente entre as mulheres, é bastante comum os cabelos serem expostos excessivamente a diversos tipos de químicas como progressivas, alisamentos, coloração, etc. E, frequentemente, essas pessoas ficam com os fios mais porosos, mais finos, quebradiços, fracos, sem brilho e sem vida. Se, por um lado, as pessoas gostam do resultado imediato do tratamento estético químico, por outro, ficam bastante insatisfeitas com o efeito que a química traz ao longo do tempo. Mas, isso pode ser diferente. “Nós preparamos o cabelo antes, para receber a química e minimizar ao máximo os danos. E depois do procedimento estético (como realinhamento térmico, por exemplo), fazemos o tratamento pós-procedimento para recuperar massa capilar, corrigir porosidade ou nutrir os fios, de acordo com a necessidade de cada cliente”, ressalta Taila. Seguindo a premissa de promover a saúde

A tricologista e proprietária do Espaço Raiz, Taila Macedo, agora oferece os serviços da cabelereira profissional Taise Rodrigues

Matheus Toledo está muito satisfeito com os resultados do tratamento de queda de cabelo feito com Taila, do Espaço Raiz


A administradora Daniele Waghabi faz tratamento com Taila no Espaço Raiz e adora o resultado dos Blends preparados exclusivamente para seus cabelos

Ana Cristina Pereira procurou o Raiz para cuidar queda de cabelo e perda de volume capilar e em pouco tempo recuperou o volume dos cabelos e a autoestima

dos fios e buscar resultados mais naturais, o espaço indica e comercializa produtos da marca Davines, uma marca italiana de cosméticos que tem ativos mais suaves. A palestrante e escritora Ana Cristina Matos Pereira procurou o Espaço Raiz porque tinha queda e perda de volume capilar e, depois de usar aplique, teve outras complicações como alopecia de tração e inflamação no couro cabeludo. “A Taila fez uma avaliação, retirei o aplique e iniciamos as sessões com um protocolo exclusivo. Em um curto espaço de tempo, meu cabelo ganhou volume! O Espaço Raiz me ajudou a resgatar a minha autoestima, realizando meu sonho de voltar a ter um cabelo naturalmente com volume e saudável”, conta Ana. O caixa Matheus Toledo de Souza também está muito satisfeito. Ele estava com muita queda de cabelo e fios finos e começou o tratamento no Raiz. “O Espaço Raiz é ótimo, nota 10. O tratamento está indo muito bem e o resultado aparecendo”, diz Matheus. Alguns dos serviços que combinam beleza e saúde capilar são: Reposição Lipídica (para cabelos danificados por fatores ambientais), Hidratação Raiz Intense (para cabelos danificados por processos químicos, mecânicos ou térmicos), Nutrição Capilar com Lama Vulcânica (que devolve a vitalidade aos fios), Revitalização para Cabelos Loiros, Envelopamento Capilar Raiz (para cabelos secos, volumosos, desgastados ou porosos), Realinhamento Capilar Raiz (sem formol, com produtos de origem vegana), Alisamento Ético Alcalino (sem formol e para quem deseja

ter o cabelo liso, com movimento natural). O Espaço Raiz também faz corte, escova, coloração e dispõe de várias técnicas de iluminação capilar com protocolo exclusivo.

Blends para cuidado capilar, em casa Entre os clientes do Espaço Raiz, os Blends são um sucesso. Os Blends são produtos compostos de óleos vegetais e essenciais específicos para tratamento do couro cabeludo e fios. Taila esclarece que os Blends são produtos naturais, feitos a base de extrato de plantas, que não têm conservantes e, por isso, a absorção dos nutrientes pelos fios é maior. As fórmulas dos Blends são feitas exclusivamente pelo Raiz, para cada cliente e são vendidas tanto para quem fez tratamento no Espaço quanto para quem não faz. A administradora Daniele Pires de Mello Waghabi faz tratamento no Espaço Raiz e adora os Blends. “Os Blends são maravilhosos, como o cabelo fica com brilho. Tudo que a Taila indica, eu faço e está dando super certo”, fala Daniele. Os Blends são fórmulas feitas exclusivamente pelo Raiz, a base de extrato de planta com óleos vegetais, de acordo com a necessidade do paciente

65


PESSOAS & NEGÓCIOS

Além do delivery tradicional, os clientes podem saborear os produtos em um novo espaço descontraído e aconchegante

A nova Forneria Giorgio Express foi projetada em um container, de frente para a rodovia, de fácil acesso e com estacionamento próprio

FORNERIA GIORGIO EXPRESS EM NOVO LOCAL

U

66

A qualidade das pizzas da Forneria Giorgio Express continua a mesma, com a novidade da venda de pizza em fatias

Por: Renata Vianna / Fotos: Alle Tavares

m novo conceito de pizzaria que une alta qualidade dos produtos a um ambiente moderno e aconchegante. Além do tradicional serviço de pizzas delivery, a Forneria Giorgio agora apresenta ao público a opção de degustar os produtos no espaço físico da Forneria Giorgio Express. Localização privilegiada, estacionamento gratuito e agilidade são os pontos fortes desse empreendimento que já é um grande sucesso entre os clientes. Inaugurada em 2019 com o principal foco em delivery das famosas pizzas, a Giorgio Express precisou ser reformulada por conta da pandemia e surgiu esse novo modelo, dentro de um container, num ambiente diferente, planejado e bastante acolhedor. Segundo o empresário Jorge Eduardo Barcelos, proprietário da Forneria Giorgio e Forneria Giorgio Express, nesse novo formato de espaço e atendimento, o foco continua sendo nas pizzas, mas com algumas novidades como a pizza em fatia, diversos combos com bebidas e preços bastante convidativos. “Nossos produtos são de altíssima qualidade, com ingredientes selecionados e importados. Nossas pizzas salgadas são em tamanho único, de 35 cm, o que termina favorecendo o rápido atendimento”, destaca. Outra característica forte é que nesse novo conceito, os clientes podem usufruir de um ambiente mais descontraído, menos formal. Tipo: “Saí da praia de chinelo, camiseta, com a turma e vamos comer uma pizza?!” Muitas vezes, esse estilo mais despojado termina sendo um limitador, mas na Giorgio Express ele é muito bem-vindo. E mais um plus: como o estacionamento é bem amplo, a opção takeaway também é muito interessante, pois a Giorgio Express fica na Av. Nª Senhora da Glória, de frente para a pista e com estacionamento próprio.

Uma das novidades é o “Combo Express”, com uma fatia de pizza mais a bebida

Av. Nossa Sª da Glória, Lote 217 Ao lado do Macaé Palace Cavaleiros - Macaé/RJ Tel: 22 2142-0456 22 99207-6504 @forneriagiorgioexpress


PESSOAS & NEGÓCIOS

Débora Rangel de Freitas e o filho Felipe. Ela é cliente da ótica há 18 anos e destaca o atendimento e a atenção recebida

Criada em Quissamã, a Óticas Opção possui três filiais, dois laboratórios e a expectativa é inaugurar mais duas unidades em 2022

O empresário Emanuel de Souza Batista na loja matriz de Macaé, que fica na Rua Teixeira de Gouveia, no Centro. Ele comemora 25 anos da Óticas Opção

ÓTICAS OPÇÃO, 25 ANOS DE HISTÓRIA

O

Por: Tathiana Campolina / Fotos: Alle Tavares

ano de 2021 está sendo especial para a Óticas Opção, pois a rede de lojas completou 25 anos de história e acaba de inaugurar mais uma unidade em Macaé, na Rua Euzébio de Queiroz, nº 166. Para 2022, a previsão é abrir mais duas lojas na região. Nascida em Quissamã, hoje a Óticas Opção já possuem filiais em Campos, Macaé e a expectativa é continuar crescendo no próximo ano. A rede também tem dois laboratórios, que garantem melhor preço, agilidade no atendimento e prazo de entrega. “Fabricamos as lentes do início ao fim. Nossos equipamentos são 100% digitais e nos proporcionam oferecer um custo-benefício muito bom para o cliente. Caso tenha necessidade de fazer algum ajuste, é muito mais fácil”, diz o empresário Emanuel de Souza Batista. Além da lente tradicional, o laboratório também fabrica lentes multifocais, escuras com grau e também óculos de segurança graduado, conforme o MTE, normativa NR 007 e com numeração C.A. Os modelos e as marcas oferecidos são incontáveis e, com certeza, você vai encontrar um que vai encaixar perfeitamente no seu rosto. Entre as mais vendidas estão: Ray-Ban, Vogue, Ana Hickmann e Sabrina Sato. Emanuel trabalha no ramo há 37 anos e lembra o seu início. “Comecei a trabalhar cedo, em um grupo de óticas no Rio de Janeiro. Lá, eu passei por todas as etapas do processo: office boy, balconista, gerente de loja e de laboratório; mas vi que havia chegado o momento de abrir a minha própria loja”, conta Emanuel, que foi um dos pioneiros em Quissamã nesse ramo e agora conquista a região. Atualmente, a rede de lojas e laboratórios soma 42 colaboradores e todos passam por treinamentos a cada quatro meses. Essa qualificação reflete no atendimento e na fidelização dos clientes. “Sou cliente há 18 anos. O principal motivo de estarmos na loja esse tempo é o atendimento ‘especial’ que eles têm. Todos são super atenciosos, carinhosos e profissionais. Meu filho, Felipe, tem um grau muito forte e tenho dificuldades de encontrar armação para ele. Sempre

Maurício Rezende é cliente da Óticas Opção há mais de 20 anos e destaca, além do atendimento, a grande variedade de modelos de óculos e o preço justo

que chega algo diferente na loja, que dê para ele usar, eles lembram de me avisar e até guardam para mim”, revela Deborah Rangel de Freitas. Maurício Rezende de Azevedo é cliente há mais de 20 anos da Óticas Opção de Macaé e ratifica: “Para mim, o diferencial, em primeiro lugar, é o atendimento. Os funcionários são de uma gentileza que depois você passa a ser um amigo e não um cliente. O estabelecimento também tem uma grande variedade de modelos de óculos, qualidade e preço! Acho que isso todo cliente quer!”, destaca. Filiais Macaé Rua Teixeira de Gouveia, 711 - Centro Rua Euzébio de Queiroz, 166 - Centro Tel. e WhatsApp Macaé: 22 2765-1276 22 999772-3456 / 22 9906-5572 Tel. Quissamã: 22 2768-1444 / 99935-9671 Tel. Campos: 22 2728-0711 / 99879-9667 E-mail: oticasopcao@hotmail.com oticaopçao @oticaopçao_oficial

67


68


69


MATÉRIA DE CAPA

ALTINHA EM MACAÉ Texto e fotos: Raphael Bózeo

Esporte que tem como fundamento principal não deixar a bola cair no chão conquista homens e mulheres nas praias da cidade

A

70

bola de futebol. Amiga fiel e inseparável de qualquer criança e de muitos jovens que sonham em se tornar jogadores profissionais pelos gramados mundo afora. Essa paixão nacional ultrapassa os tapetes verdes dos campos e, em Macaé, ganha um outro lugar apaixonante: a praia. Além das areias da Princesinha do Atlântico, o jeito de se relacionar com a bola também ganhou uma nova forma. Um esporte novo, uma modalidade que encanta, apaixona e também se torna um estilo de vida. É assim que a Altinha vai se consolidando e ganhando cada dia mais fãs e praticantes por aqui e por todo o país. Quem nunca passou pela Praia dos Cavaleiros, próximo ao Posto 1, e viu um grupo de amigos levantando a bola de um lado para o outro? Amigos antigos, alguns já aposentados, que se reúnem, passando por diversas gerações, há quase 50 anos. O mais impressionante é que parece que a bola nunca vai cair. Uma forma de praticar um esporte e estar entre amigos. “Tem uns remanescentes de várias gerações, esse grupo se reúne ali há uns 50 anos já, de terça a domingo, estamos lá pela

Nas fotos acima, uma parte da nova geração da Altinha macaense em ação. Da esquerda para a direita: Lucca Rossato, Vitor Martins, Olívia Losant e Mariana Martins

manhã. Pra mim, é uma terapia, uma higiene mental. É um jogo lúdico, para a bola não cair e facilitar a bola para o amigo. Eu sempre conto e tem hora que são 100, 200, 300 toques na bola. É uma reunião de amigos para praticar a altinha, além disso, é o melhor hospital do mundo. Ali, acaba a depressão e a dor no corpo. Tem gente ali que vai há mais de 30 anos”, conta Fernando Macaé, ex-jogador de futebol e empresário na cidade.

Estilo de vida Vitor Martins, o “Vitinho”, tem 35 anos e pratica a Altinha há quase 20 anos, mas somente há 8, se dedica ao esporte por completo. Ele conta que começou no


Futevôlei, mas que depois se encantou com a Altinha, quando praticava com os amigos na Praia dos Cavaleiros e Pecado. De tanto jogar, ele acabou percebendo uma oportunidade de negócio com o esporte e juntou suas duas paixões, viajar e jogar Altinha. Criou o grupo “Em Alta”, com amigos, entre os anos de 2015 e 2016. Desde então, ele percebeu uma adesão grande não só da modalidade, mas também de um estilo de vida. A diversão, a irreverência, a vivência pelas praias traz esse modo de viver com alegria. “Com a evolução tecnológica dos últimos anos, houve a possibilidade de se conectar com várias pessoas sobre esse esporte, através de vídeos da gente jogando que postávamos no Instagram. Daí, lançamos o projeto Em Alta, que surfou nessa onda e criou tendências. Somos um grupo de 50 pessoas no Brasil inteiro. Organizamos eventos, damos clínicas, aulas, mostrando nosso estilo de vida. Isso virou uma marca, inclusive, com venda de produtos. A nossa missão é mostrar a cultura da bola para o mundo”, fala Vitor. Um jovem talento da cidade, que tem participado e se destacado nas competições é Lucca Rossato, estudante de 17 anos que joga Altinha há uns dois anos e meio. Ele se interessou pelo esporte ao ver as pessoas jogando na praia e achar bastante envolvente e dinâmico toda aquela movimentação com a bola. Para ele, a Altinha cresceu bastante entre 2019 e 2021, não só no Brasil, mas também em diversos países, como Israel e Portugal. “Eu curto muito jogar Altinha e tenho treinado bastante para disputar os campeonatos. Já subi ao pódio umas cinco vezes, sendo campeão uma vez. O cenário do esporte é bastante diversificado, mas tem o mesmo intuito, que é unir e conhecer pessoas apaixonadas pela Altinha”, diz Lucca.

Alle Tavares

O ex-jogador de futebol e empresário Fernando Macaé (de camisa azul), joga Altinha há quase 50 anos. Ele está sempre com os amigos no Posto 1, na Praia dos Cavaleiros, e tem o esporte como uma terapia

Pra mim é uma terapia, uma higiene mental. É um jogo lúdico, para a bola não cair e facilitar a bola para o amigo. Eu sempre conto e tem hora que são 100, 200, 300 toques na bola. É uma reunião de amigos... Fernando Macaé Empresário, que joga Altinha há quase 50 anos

71


Vitor Martins com a irmã Mariana. Ele joga Altinha há 8 anos e acabou transformando o esporte em um negócio, criando o grupo “Em Alta”, para fazer eventos e exibições em todo o país

Lucca Rossato joga Altinha há apenas dois anos e meio, mas já participou de vários campeonatos, subindo ao pódio 5 vezes, sendo que uma delas como campeão

72

Mulheres Protagonistas Se engana quem acha que a Altinha é um esporte somente para homens. Longe disso. A cada dia, as mulheres ganham mais espaço e destaque na modalidade. E a facilidade para a prática do esporte, onde só é preciso uma bola e pelo menos duas pessoas levantando a bola, sem deixá-la cair, torna o esporte acessível para todos. A médica Luaira Campos é uma das que se apaixonaram pelo esporte. Praticante de vôlei na infância e adolescência, virou atleta de futevôlei e passou a praticar Altinha para aquecer antes das partidas. Até que acabou se apaixonando pelo esporte. “Quando íamos para os campeonatos, o aquecimento era com a Altinha na beira da praia. Tinha dia que parava o futevôlei para ficar só na Altinha. Nessa época, foi feito o projeto ‘Em Alta’, que virou uma nova paixão”, recorda. Luaira, que é médica esportiva e nutróloga, também utiliza a prática do esporte para cuidar da saúde e mostrar como é possível ter uma vida melhor e mais saudável, passando isso para seus pacientes. “É muito gratificante levar o exemplo para as pessoas. Quando a gente pratica, é mais fácil a gente mostrar como o esporte nos faz bem. Estar nessa área do esporte me ajudou a desenvolver a parte psicológica. Melhorei minha forma de falar e de agir com as pessoas, com muito mais disciplina”, conta Luiaira. Já a estudante Olívia Losant, de 19 anos, pratica o esporte desde os 14 e tem participado de diversos campeonatos de Altinha. Para ela, o interesse das mulheres


Arquivo

A médica nutricionista Luaira Campos jogava Altinha antes das partidas de Futevôlei para fazer aquecimento. Acabou se apaixonando pelo esporte e, hoje, incentiva outras pessoas a praticar

Olívia Losant (acima) joga Altinha desde os 14 anos. Ela acabou influenciando e treinando sua mãe Glória Ignez para jogar com ela

pelo esporte tem crescido bastante. O fato dela jogar, e bem, serviu de inspiração para que outras mulheres iniciassem no esporte e se tornassem praticantes. “Antes, eu só via homens jogando, mas hoje, vejo que as mulheres estão muito presentes. As meninas viam que eu estava jogando e também entravam no jogo, dizendo que queriam jogar igual a mim. A gente é tão acostumada a ver os homens brilhando, e poder ter mulheres jogando é muito legal”, ressalta. E de tanto ver a filha jogar, a mãe de Olívia, Glória Ignez, pediu para que ela a treinasse na modalidade. Hoje, as dua vão à praia juntas, jogam e se divertem. “Minha mãe jogava basquete na escola, a família toda sempre praticou esporte. Agora, com 53 anos, ela decidiu jogar também. É muito legal. Ela fica deslumbrada e muito

animada em aprender e acabou virando um programa de família”, diz Olívia. Enquanto uns usam o esporte como terapia e saúde, outros vão navegando nas competições. E como é uma competição de Altinha? Regras como a plasticidade dos movimentos, e se os companheiros vão conseguir defender, geram um sistema de avaliação e pontuação para as principais jogadas, como: Shark Attack, Bicicleta, Escorpião e Voleio. Com o cenário praiano e o verão chegando, o esporte certamente terá ainda mais gente praticando na orla macaense. Um esporte que não é preciso ser bom no futebol para praticar, só um grupo de amigos e uma bola para manter longe do chão. E você? Já pensou em jogar Altinha? A hora é agora!

73


DECORAÇÃO

As medidas restritivas impostas pela pandemia aumentaram o desejo por ter uma piscina em casa, e foi o gatilho para muita gente, enfim, tornar o sonho, realidade

A arquiteta Isabela Saraiva, na foto ao lado, diz que a tendência para as cores das piscinas tem sido os tons neutros ou que fogem do azul tradiconal, como os tons esverdeados

UMA PISCINA PRA CHAMAR DE SUA

O

Por: Juliana Carvalho / Fotos: Alle Tavares

sonho de ter uma casa com piscina durante muito tempo figurou no topo da lista de desejos de boa parte da população. Durante a quarentena, período de maior restrição social por conta da pandemia do Coronavírus, o item se tornou mais que desejo, sendo para muitas famílias, uma forma de manter o lazer, diversão e entretenimento em dia. A demanda por querer fazer do lar um ambiente mais agradável fez com que setores ligados à construção civil tivessem aumento na procura e, apesar da crise econômica em função da pandemia, a estimativa da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) é que o PIB do setor registre alta de 4% em 2021, indicando o maior crescimento em oito anos. Isabela Saraiva é uma das profissionais que sentiu esse impacto no ritmo de trabalho. A arquiteta conta que a procura, em 2020, aumentou muito, principalmente, a partir do mês de abril. “Com as restrições, as pessoas começaram a querer tirar do papel projetos,

74

ideias e sonhos”, afirma. A arquiteta afirma que não necessariamente existem pré-requisitos, mas sim a necessidade do desenvolvimento de um projeto que atenda às demandas e disponibilidade que cada cliente tem, desde a questão de espaço até aporte financeiro. “Já atendi pedidos que, para muitos, poderia parecer impossível, como criar uma piscina em uma área de 8 metros quadrados. Ainda assim, fomos lá e fizemos tudo o que a cliente queria com direito a cascata e água aquecida”, detalha a arquiteta, que também assina o projeto de uma piscina em que o vidro foi a estratégia utilizada para, além de oferecer um design para lá de futurista, ampliar a segurança dos pais em relação a utilização do espaço pelos filhos


Nesta piscina, projetada por Isabela, além das pedras vulcânicas Hijau, a “queridinha” do momento, ela usou o vidro temperado para dar visibilidade externa das crianças para os pais

pequenos. “Esse foi um dos projetos mais desafiadores por conta da execução, já que tivemos que pesquisar um material que fosse resistente e, ao mesmo tempo, acessível. Mas o resultado ficou incrível e atendeu perfeitamente o que os clientes queriam”, destaca. Sobre as tendências, as pedras vulcânicas, chamadas de pedras Hijau, aparecem entre as queridinhas do momento, trazendo personalidade e sofisticação para o revestimento da piscina, com diferentes possibilidades de cores e aproveitamento. “Estão sendo muito usadas as de tons neutros e as que fogem daquela ‘cara’ de piscina, de cor azul, indo para as mais esverdeadas”, pontua Isabela, que frisa outra questão importante que o projeto deve levar em consideração: o conforto ambiental. “A posição do sol, a forma como a piscina vai ser utilizada, se será apenas por adultos ou também por crianças, a quantidade de pessoas, enfim, uma série de fatores que são analisados e que interferem diretamente no projeto, impactando no posicionamento da piscina, a profundidade, o tamanho, etc”, ressalta Isabela.

Manutenção da piscina é ou não um bicho de sete cabeças? Quem atua com venda de piscinas, equipamentos e acessórios para manutenção também sentiu o impacto do aumento da demanda. “A procura, em 2020, aumentou em torno de 40%, desde pessoas que queriam ter uma piscina a clientes que já tinham e queriam reformar a área de lazer, e até mesmo colocar aquecedor para poder ampliar o tempo de utilização do espaço. Atualmente, percebemos que o movimento se mantém positivo, porém estável”, revelam Alex Silva e Camille Mendes Silva, empresários que atuam há mais de 33 anos no ramo, com a loja Adão Piscinas.

Os empresários Alex Silva e Camille Mendes com o filho Igor. Eles dizem que a procura das pessoas pra construir uma piscina durante a pandemia cresceu cerca de 40%

A posição do sol, a forma como a piscina vai ser utilizada, se será apenas por adultos ou também por crianças, a quantidade de pessoas, enfim, uma série de fatores que são analisados e que interferem diretamente no projeto... Isabela Saraiva Arquiteta

75


O pastor Fred Costa e sua esposa Flávia Tudesco fizeram uma piscina integrada com a área de lazer, que tem uma academia e uma jacuzzi. O espaço é o ponto de encontro entre eles, os filhos e seus amigos

Alex, que também é técnico na área, afirma que a tecnologia também chegou para tornar mais prática a temida manutenção das piscinas. “Alguns aparelhos trouxeram mais praticidade, como é o caso do tratamento com ozônio, que é feito de forma automatizada: o filtro liga todos os dias liberando o ozônio, que mata fungos, vírus e bactérias. Isso elimina cerca de 80% o uso de produtos químicos na água, possibilitando o aproveitamento de uma água com melhor qualidade e mais saudável”, explica. Sobre optar por uma piscina de alvenaria ou fibra, ele pontua que a escolha vai depender muito da particularidade de cada um, mas que há algumas diferenças que podem pesar na decisão. “Uma piscina de alvenaria média, de 6 metros, por exemplo, leva em torno de 60 dias para ser construída, já a de fibra, em 14 dias está pronta para uso, além de ser 50% mais barata”, aponta.

76

Piscina: integração, lazer e conforto sem sair de casa Quem pode desfrutar do prazer de ter uma piscina para chamar de sua, comemora o fato de que o espaço acaba sendo também uma forma de ter em casa um cantinho para mais momentos aproveitados em família. Para o casal Fred Costa e Flávia Tudesco, com os filhos já na fase adulta, João Pedro, 24 anos, Daniel, 21 anos e Luís Felipe, 20 anos, a área de lazer da casa é ponto de encontro certeiro entre eles. “Nossa família gosta de estar sempre junta e os meninos valorizam muito isso. A ideia de construir a piscina nasceu depois de uma viagem à Califórnia que marcou muito a gente.

Quando voltamos, eu olhei para essa área e resolvemos aproveitar, trazendo um pouquinho da experiência que a gente teve por lá. É um espaço realmente muito aproveitado, por nós e pelos nossos filhos que optam, muitas vezes, por ficar em casa e trazer os amigos, ao invés de sair”, garante Fred, cuja área de lazer é integrada com academia, churrasqueira e uma Jacuzzi. Grande ou pequena, aquecida ou não, o que não deixa de ser unanimidade é que, quando o assunto é piscina, é difícil não associar o termo à diversão. De crianças a adultos, a piscina encanta e faz qualquer um se sentir mais feliz, literalmente, até debaixo d’água!


77


SAÚDE

Problemas físicos, psicológicos e isolamento social são consequências da perda auditiva, mas há tratamento

Dona Clarita Gonzalez, de 97 anos, usa o aparelho auditivo há 10 anos, proporcionando uma vida ativa e normal em família e na sociedade

PERDA AUDITIVA NA TERCEIRA IDADE

N

Por: Renatta Viana / Fotos: Alle Tavares

aturalmente, com a idade, o cérebro gradativamente começa a perder a capacidade de compreender e interpretar o que é ouvido, justamente pela diminuição da capacidade de audição, o que é bastante comum com o passar dos anos. É natural também, com o avanço da idade, que outros problemas de saúde surjam, mas “o ouvir” afeta fortemente os idosos de diversas maneiras, acarretando problemas físicos, psicológicos e até mesmo o isolamento social. Essa dificuldade atrapalha a qualidade de vida dessas pessoas, que muitas vezes não se dão conta de que estão sendo afetadas pela perda auditiva. Os especialistas falam que conhecer as consequências deste problema é fundamental para saber lidar com idosos que venham a sofrer dessas questões. Além da perda do contato social, familiar e da interação com as outras pessoas, alguns estudos associam a perda auditiva à demência e ao Alzheimer, pois pesquisas indicam que a privação sensorial causada pela perda auditiva tem impacto no declínio das funções cerebrais. Dr. Gustavo Lacerda, médico especialista em geriatria e clínica da dor, explica que a “Presbiacusia” é a perda da audição relacionada à idade, um processo natural do envelhecimento

78

Dr. Gustavo Lacerda diz que a Presbiacusia (perda auditiva) é um processo natural do envelhecimento com a morte de algumas células auditivas e pode começar a partir dos 60 anos


O otorrinolaringologista Dr. Leonam Magalhães destaca que, para quem tem casos de perda auditiva na família e fatores de risco no trabalho, o acompanhamento médico deve ser precoce

que é muito comum na terceira idade devido à morte de algumas células auditivas. Geralmente afeta, pessoas a partir dos 60 anos e compromete a capacidade auditiva de forma lenta, sendo praticamente imperceptível no início. “É comum que o idoso comece gradualmente a aumentar o som da televisão, um indicativo do início do problema. Com o passar dos anos, a audição vai sendo ainda mais prejudicada, dificultando também a compreensão da fala. Assim, a pessoa acaba se afastando e evitando o convívio social, podendo apresentar sintomas depressivos. Além da depressão, a perda da audição pode causar diversos outros problemas na vida do idoso, como sair na rua e não escutar os sons dos veículos, por exemplo, podendo colocá-lo em risco. Quanto mais idade, maior o processo degenerativo natural das células auditivas. No entanto, a hereditariedade e a exposição a ruídos muito intensos são os principais fatores que levam à surdez com o passar dos anos. Na faixa dos 70/80 anos é comum também a associação de fatores de risco específicos, como diabetes e pressão alta, que podem acelerar esse processo”, relata Dr. Gustavo. Dona Clarita Carmo Ferrari Gonzalez é professora normalista e tem 97 anos. Ela convive com a perda auditiva há uns 12 anos, quando percebeu que tinha dificuldade para ouvir ao telefone e participar de conversas em grupo. Usando aparelho auditivo há 10 anos, ela conta que a perda auditiva não mudou sua rotina, mas teve que se adaptar às novas circunstâncias com muita força de vontade. “A adaptação ao uso do aparelho exige exercício de paciência constante, e o apoio da família e amigos é muito importante para que a gente não se sinta excluída ou desinteressada do convívio social. Com certeza, o aparelho auditivo proporciona grande conforto, permitindo que eu leve uma vida normal”, conta Dona Clarita, lembrando como é importante que os mais jovens tenham paciência com quem convive com

Edison Torres tem 64 anos e há 13, após perceber que não estava ouvindo direito, constatou a perda quase total da audição dos dois ouvidos. Hoje, ele não sabe como é viver sem o aparelho

A adaptação ao uso do aparelho exige exercício de paciência constante, e o apoio da família e amigos é muito importante para que a gente não se sinta excluída ou desinteressada do convívio social Dona Clarita Gonzalez Professora Normalista de 97 anos

essa deficiência, a fim de evitar situações dolorosas que as excluam do direito de ter uma vida normal e feliz na família e na sociedade. Dr. Leonam Magalhães é otorrinolaringologista e destaca que o primeiro passo é observar se há familiares com perda auditiva e, se houver fatores de risco, iniciar o acompanhamento com otorrino de forma precoce. “No caso de identificação de distúrbios metabólicos, o acompanhamento deve ser logo iniciado. Para quem trabalha em ambientes com ruído intenso, é obrigação das empresas realizar audiometria nos profissionais, e é obrigação dos trabalhadores, o uso de EPI (equipamento de proteção individual) tipo plugs ou abafadores para

79


A fonoaudióloga e audiologista Catarina Franco destaca a importância do uso do aparelho auditivo para a manutenção da qualidade de vida na terceira idade, principalmente, no convívio social

O engenheiro civil Ronaldo Luiz Marinho tem 65 anos e, há cerca de 5, notou a perda auditiva. Mas só há pouco tempo, por insistência da esposa e da filha, procurou um otorrino, que recomendou o uso do aparelho auditivo

proteção dos ouvidos”, fala o médico, que reforça que após identificar o tipo de perda e do tempo de evolução do distúrbio, o paciente deve ser encaminhado para uso de aparelhos e reabilitação assistida por uma fonoterapeuta, ações que mudam drasticamente sua qualidade de vida. Edison Torres tem 64 anos e, há 13, notou que havia algo diferente com sua audição no seu ambiente de trabalho. Ele é funcionário público municipal e trabalha com fiscalização de transportes. Após passar por exames e constatar a perda quase total da audição nos dois ouvidos, viu como era incrível poder ouvir novamente por meio do aparelho auditivo. “Eu tinha muito medo de perder a audição, de como

80

seria usar o aparelho, mas tive muito apoio da família e dos amigos. As pessoas sempre se preocuparam em saber como é usar o aparelho, como me sinto e eu digo: não sei mais viver sem ele. Por favor, se cuidem para evitar problemas como este”, diz Edison. Fonoaudióloga Audiologista pela UFRJ e especialista em Audiologia, Catarina Franco ressalta que são 4 principais exames para avaliar a capacidade auditiva: Audiometria – avaliando qual a menor intensidade em que a pessoa é capaz de ouvir tons puros e a capacidade da pessoa de perceber e reconhecer os sons da fala. Por meio da audiometria é possível saber o grau e o tipo da perda auditiva de um indivíduo; Imitanciometria/Impedanciometria - exame que avalia as condições da orelha média, verificando o funcionamento do tímpano, da cadeia de ossículos e da tuba auditiva; PEATE (Potencial Evocado Auditivo do Tronco Encefálico) ou Bera - avalia a integridade da via auditiva desde o nervo auditivo até o tronco encefálico. A informação sonora recebida pelo ouvido é encaminhada ao cérebro pelo nervo auditivo e tronco cerebral, o PEATE mede os sinais elétricos desse caminho do som, indicado quando a audiometria apresenta resultado não conclusivo. E por fim, o Teste de Emissões Otoacústicas, que oferece dados importantes sobre a presença e funcionalidade das células ciliadas. “Cada paciente recebe tratamento individualizado, com plano terapêutico diferenciado, levando em consideração o tempo de doença, comorbidades, sintomas apresentados e estilo de vida. A indicação para uso de aparelhos auditivos sempre é realizada quando a capacidade auditiva está alterada. Além dos desafios já enfrentados normalmente pelas pessoas com deficiência auditiva, a pandemia agravou ainda mais suas dificuldades. A barreira da comunicação impede que estas pessoas tenham autonomia e liberdade para realizar atividades simples, como fazer compras, o que já compromete o bem-estar físico, psíquico e social”, explica Catarina. O engenheiro civil Ronaldo Luiz Marinho, de 65 anos, é paciente da fonoaudióloga Catarina Franco. Ele notou a perda há cerca de 5 anos, procurou um médico, mas este acabou não indicando o aparelho auditivo. Nos últimos tempos, por reclamações da esposa e da filha sobre a sua baixa audição, procurou novamente um otorrino, que após ver seus exames, indicou o aparelho auditivo para seu tratamento. Ele começou a usar o aparelho há poucas semanas. “Ainda estou me acostumando e minha maior dificuldade, no momento, é captar os sons mais agudos. Sempre compareço ao consultório para fazer os ajustes necessários. Hoje, percebo a importância em incluir a visita ao otorrino e fono na rotina de checkup, porque o diagnóstico precoce é a melhor solução”, destaca Ronaldo, que também é músico e tem uma grande preocupação em manter sua audição com qualidade por muito tempo ainda.


81


GENTE QUE FAZ

O romance escrito por Thais também simboliza a importância da representatividade dos PCDs na literatura

Apaixonada por esportes, Thais já praticou de skate a remo

A inspiradora trajetória de vida de Thais Pessanha ganha um novo capítulo com o livro “Sobre Rodas”, um romance que traz representatividade para os PCDs

O primeiro lote do livro de Thais esgotou assim que foi lançado. Porém, há outros lotes à venda e o livro pode ser adquirido pela internet, tanto e-book quanto livro físico

THAIS PESSANHA, ALMA DE PASSARINHO

O

Por: Leila Pinho / Fotos: arquivo pessoal

que faz uma alma de passarinho em um corpo de ossos frágeis? Segue seu instinto e, voa! Experimenta a liberdade e a potência do ser, nas mais diversas formas de vida. É mais ou menos assim que ensina a trajetória da macaense Thais Pessanha, de 39 anos. E que, agora, inspira mais pessoas através do seu recente livro lançado, o “Sobre Rodas – Um Espírito Em Movimento”. Para quem a conhece, são muitas as referências que ajudam a contar um pouco do que ela é. Thais skatista, viajante, que trabalha duro na Petrobras, empreendedora, vencedora do Prêmio Shell Iniciativa Empreendedora de 2017, remadora, condutora da Tocha Olímpica e Paralímpica Rio 2016, leitora, Thais da Pestalozzi (ONG onde ela foi vice-presidente), Thais dos ossos de vidro, e tantas outras versões. Ela reconhece a Osteogenese Imperfeita Congênita (uma doença rara e grave chamada, popularmente, de doença dos ossos de vidro) como parte do que ela é, mas não se limita a isso. Bem humorada, Thais fala sobre o seu modo de ver a vida. “Tenho uma doença grave. Vai adiantar chorar? Vai diminuir a dor? Eu acho que a gente precisa

82

fazer escolhas. Ou você escolhe ver o copo meio cheio ou meio vazio”, fala. Essa perspectiva positiva também está presente no livro “Sobre Rodas – Um Espírito Em Movimento”, que ela lançou em setembro deste ano e está concorrendo ao prêmio Kindle de Literatura.

Representatividade “Sobre Rodas” é um romance que conta a história de Olímpia, uma menina que tem a doença dos ossos de vidro (cadeirante) com um grande sonho, o de participar das Olimpíadas como condutora da bandeira da delegação brasileira. Permeado pela filosofia e valores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, a protagonista do livro vive uma busca de amor ao esporte, com muita superação. “Eu cresci sem ver representatividade. Não existia boneca com deficiência e eu não via representatividade em nada. Isso sempre me incomodou. O “Sobre Rodas” veio para trazer representatividade. Eu acho extremamente importante as livrarias terem setores para autores negros, feministas, e eu sinto falta de uma 3ª ou 4ª sessão para os PCDs (pessoas com deficiência)”, ressalta Thais. O livro “Sobre Rodas – Um Espírito Em Movimento” está disponível em e-book no site da Amazon e, impresso, nos sites da Amazon, Americanas, Submarino, Estante Virtual e Clube dos Autores.


83


84