Page 1

ATKINSON & HILGARD INTRODUÇÃO À PSICOLOGIA

Tradução da 16 a edição norte-americana

Susan Nolen-Hoeksema Barbara L. Fredickson Geoffrey R. Loftus Christel Lutz MATERIAL DE APOIO ON-LINE


INTRODUÇÃO À

PSICOLOGIA


ATKINSON & HILGARD

INTRODUÇÃO À

PSICOLOGIA Tradução da 16ª edição norte-americana

Susan Nolen-Hoeksema Barbara L. Fredrickson Geoffrey R. Loftus Christel Lutz

Tradução Priscilla Rodrigues da Silva e Lopes Revisão técnica Alexandre Henrique de Quadros

Austrália   •  Brasil  • 

México  • 

Cingapura  •  Reino Unido  • 

Estados Unidos


Introdução à psicologia, Atkinson & Hilgard Tradução da 16ª edição norte-americana Susan Nolen-Hoeksema, Barbara L. Fredrickson, Geoffrey R. Loftus e Christel Lutz 2ª edição brasileira Gerente Editorial: Noelma Brocanelli Supervisora de Produção Editorial: Fabiana Alencar Albuquerque Editora de desenvolvimento: Salete Del Guerra Editora de aquisição: Guacira Simonelli Especialista em direitos autorais: Jenis Oh Título Original: Atkinson & Hilgard’s Introduction to Psycholgy – 15th Edition ISBN 13: 978-1-4080-8902-6 Tradução da primeira edição Brasileira: EZ2Translate Tradução dos textos novos desta edição: Priscilla Rodrigues da Silva e Lopes Revisão técnica da primeira edição brasileira: Fabio Appolinário Revisão técnica desta edição: Alexandre Henrique de Quadros Revisão: Joana Figueiredo e Isabel Ribeiro Diagramação: Triall Editorial Ltda Capa: Renata Buono Imagem de capa: xxxx

© 2018 Cengage Learning Edições Ltda. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste livro poderá ser reproduzida, sejam quais forem os meios empregados, sem a permissão, por escrito, das editoras. Aos infratores aplicam-se as sanções previstas nos artigos 102, 104, 106 e 107 da Lei no 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Esta editora empenhou-se em contatar os responsáveis pelos direitos autorais de todas as imagens e de outros materiais utilizados neste livro. Se porventura for constatada a omissão involuntária na identificação de algum deles, dispomo-nos a efetuar, futuramente, os possíveis acertos. A editora não se responsabiliza pelo funcionamento dos links contidos neste livro que possam estar suspensos.

Para informações sobre nossos produtos, entre em contato pelo telefone 0800 11 19 39 Para permissão de uso de material desta obra, envie seu pedido para direitosautorais@cengage.com

© 2018 Cengage Learning. Todos os direitos reservados. ISBN 13: 978-85-221-2700-9 ISBN 10: 85-221-2700-x Cengage Learning Condomínio E-Business Park Rua Werner Siemens, 111 – Prédio 11 – Torre A – conjunto 12 Lapa de Baixo – CEP 05069-900 – São Paulo –SP Tel.: (11) 3665-9900 – Fax: (11) 3665-9901 SAC: 0800 11 19 39 Para suas soluções de curso e aprendizado, visite www.cengage.com.br.

Impresso no Brasil Printed in Brazil 1a impressão – 2017


Dedicatória

Esta 16ª edição do trabalho é dedicada à memória de Susan Nolen-Hoeksema, que faleceu inesperadamente em janeiro de 2013, e à sua família – seu marido, Richard Nolen-Hoeksema, e seu filho, Michael Nolen-Hoeksema.


Prefácio

INTRODUÇÃO Esta 16ª edição de Introdução à psicologia, de Atkinson & Hilgard, inclui itens que facilitam o estudo. A equipe de autores aumentou e, pela primeira vez, inclui autores de fora da América do Norte, trazendo uma perspectiva mundial ao livro. À equipe estabelecida dos autores, composta por Susan Nolen-Hoeksema, Barbara L. Fredrickson e Geoffrey R. Loftus, juntou-se Christel Lutz (University of Utrecht) que incorporou a nova influência europeia, ajudando na criação de um livro introdutório que atende os alunos de psicologia de várias partes do mundo.

ABORDAGEM Para aqueles que estão familiarizados com o conteúdo, estilo e abordagem de Atkinson & Hilgard, publicado pela primeira vez em 1953, esta nova edição é um passo adiante na rica história do livro. Por ser um livro com excelente reputação nos dois lados do Atlântico, a introdução da coautora europeia coincidiu com a intenção de ampliar os horizontes internacionais do texto. Nosso objetivo é aumentar a relevância e a acessibilidade de Atkinson & Hilgard para os muitos professores e estudantes que usam o livro fora da América do Norte sem diluir o atrativo para nossos fieis leitores. Como nas edições anteriores, continuamos a abordar a pesquisa clássica de referência ao mesmo tempo em que investigamos a marcante pesquisa contemporânea. Os estudos clássicos, base da psicologia, são fundamentais para que os estudantes a entendam e apreciem. Continuamos a cobrir esses estudos, enfatizando seu impacto na área e em nossa vida diária. Reconhecemos também o tremendo volume do trabalho inovador que é feito na psicologia contemporânea. Nesta 16ª edição,

abordamos o mais novo e promissor trabalho em psicologia, incluindo os desenvolvimentos na neurociência cognitiva e na pesquisa sobre o cérebro e o comportamento, as aplicações criativas da pesquisa básica sobre sensação e percepção, a “nova onda” da pesquisa sobre emoções, inteligência, genética e as teorias evolucionárias da personalidade, psicologia positiva e as perspectivas psicológicas sociais na cultura. O resultado é uma visão abrangente e entusiasta que combina o melhor do que já existia e o melhor do novo na psicologia.

O QUE HÁ DE NOVO? Cada capítulo foi cuidadosamente revisado graças à leitura crítica de especialistas em cada tópico dos capítulos, a fim de garantir que estejam amplamente atualizados e contenham as tendências notáveis da psicologia norte-americana, europeia e outras. As mudanças recentes de DSM-IV-TR para DSM-5 foram levadas em consideração. Mais de 350 novas referências foram adicionadas desde a edição anterior, incluindo um mix de pesquisas muito recentes e uma cobertura mais ampla de estudos relevantes em cada área dos tópicos. O ensino da psicologia está evoluindo constantemente e recebeu especial atenção para garantir que esta edição englobe todas as necessidades dos cursos introdutórios da área em nível de graduação. As características do quadro Vendo os dois lados, que apresenta perspectivas divergentes sobre tópicos específicos, foram preservadas nesta edição e podem ser encontradas ao longo do livro. A maior parte foi revisada ou substituída por novos debates, que refletem os atuais tópicos “quentes” de discussão. Agradecemos a todos os colaboradores internacionais altamente envolvidos, que compartilharam conosco suas perspectivas movidas por pesquisa, ao

vii


viii    Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard

longo desta edição. As características do quadro Pesquisa inovadora também foram revisadas para a inclusão de novos tópicos, como a forma com que hábitos emocionais alteram a expressão dos genes e a cognição social incorporada; a demais foram atualizadas para refletir como as diferentes áreas de pesquisa evoluíram nos últimos anos. Esta edição mantém os recursos de aprendizagem na edição anterior com as atualizações necessárias para fazer frente ao novo conteúdo. As subseções de cada capítulo começam com os Objetivos de aprendizagem e terminam com Resumo da seção e Perguntas de pensamento crítico, permitindo que os leitores possam dividir o conteúdo do estudo em partes digeríveis.

questões para testar sua compreensão do conteúdo do capítulo. Os boxes Pesquisa inovadora focam em avanços de pesquisas sobre a vanguarda dos tópicos do capítulo. Os artigos da seção Vendo os dois lados consideram uma única questão relacionada com a seção e exploram áreas de debate contrastantes, enfatizando a variedade de perspectivas que existem em todas as áreas da psicologia. O Resumo do capítulo condensa os principais pontos de cada capítulo. O Glossário no final do livro apresenta os termos destacados no texto e mostra a página onde eles aparecem no livro.

O que há de novo na edição brasileira

AGRADECIMENTOS AOS REVISORES

Esta edição é uma versão sintética da 16ª edição americana, que ainda não foi publicada no Brasil. A síntese foi elaborada buscando preservar o conteúdo desse clássico, assim, é possível encontrar os conceitos, as aplicações e os exemplos típicos desse tradicional livro. O objetivo da versão sintética é facilitar o acesso à obra pelos estudantes. Nesta edição o leitor pode encontrar um curso introdutório à psicologia de forma bastante completa, atualizada, com pontos de vista baseados em pesquisas recentes. Alguns capítulos com uma sequência lógica e coesão entre os temas foram aglutinados, porém, a abordagem de pesquisa clássica de referência em contraponto à pesquisa contemporânea, que é fundamental e uma das características do livro, foi mantida. Outro elemento peculiar é o confronto entre diferentes pontos de vista sobre os temas discutidos, assim como a apresentação das pesquisas que estão em desenvolvimento e podem ser muito promissoras em pouco tempo.

Os editores e autores gostariam de agradecer aos seguintes acadêmicos pelas revisões e feedback minuciosos que ajudaram a formar esta nova edição:

Material de apoio on-line para o professor Esta edição conta com slides em Power Point® disponíveis no site da Cengage para os professores que adotam a obra. Além disso, podem obter as imagens coloridas do livro para usar em suas apresentações.

Recursos para aprendizagem Cada capítulo começa com Objetivos de aprendizagem que mostra como os temas apresentados no capítulo se manifestam no mundo real. A Tabela de revisão dos conceitos explica conceitos psicológicos em forma de tabela. Resumo da seção e Pensamento crítico concluem cada seção, recapitulando pontos fundamentais e oferecendo

Mohammad Adnan Alghorani, Professor associado de Psicologia, United Arab Emirates University, EAU Kimmo Alho, Professor de Psicologia, University of Helsinki, Finlândia Reem AL-Sabah, Professora Assistente de Psicologia, Kuwait University, Kuwait Y. Gavriel Ansara, Tutor acadêmico do Departamento de Psicologia, University of Surrey, UK Josephine Arasa, Professora Assistente de Psicologia, United States International University, Quênia Dr. Chris Barnes, Docente de Psicologia, University of Derby, UK Avi Besser, Professor de Psicologia, Sapir Academic College, Israel Sinead Bracken, Docente de Psicologia, Athlone Institute of Technology, UK Chris Chandler, Professor Titular de Psicologia, London Metropolitan University, UK Maurizio Codispoti, Professor Associado de Psicologia, University of Bologna, Itália Ihsan Dag, Professor de Psicologia, Hacettepe University, Turquia Gareth Davie, Docente de Psicologia, University of the Highlands and Islands, UK Boele de raad, Professor emérito de Psicologia, University of Groningen, Holanda Susanne Ehrlich, Professora titular de Psicologia, London Metropolitan University, UK Ian Fairholm, Teaching Fellow e Diretor Adjunto de Estudos de Graduação em Psicologia, University of Bath, UK Alexandra Freund, Professora de Psicologia, Departamento de Psicologia, University of Zurich, Suíça Kerry Greer, Docente de Psicologia, Mary Immaculate College, Irlanda, UK


Prefácio   ix

Aldis Gudmundsdottir, Docente de Psicologia, Hamrahlid College, Islândia Ran Hassin, Professor de Psicologia, The Hebrew University, Israel Kenneth Holmqvist, Professor de Psicologia, Lund University, Suécia Merima Homarac, Docente de Psicologia, United World College, Mostar Odilo Huber, Docente de Psicologia, University of Fribourg, Suíça Dr. Daniel Kahn, Docente de Psicologia, Bar Ilan University, Israel Peter Karlsson, Docente de Psicologia, Halmstad University, Suécia Shaul Kimhi, Professor de Psicologia, Tel Hai College, Israel Jurek Kirakowski, Professor Titular de Psicologia, University College Cork, UK Svein Larsen, Professor de Psicologia, University of Bergen, Noruega Lilac Lev Ari, Docente de Psicologia, Ruppin Academic Center, Israel Elaine Luti, Professora Adjunta de Psicologia, John Cabot University, Itália Dr. Anne Manyande, Líder do Programa de Psicologia, University of West London, UK Jennifer Meehan, Docente de Psicologia, Liverpool John Moores University, UK Maggie Moremi, Docente de Psicologia, University of Limpopo, África do Sul Julita Naviaitiene, Docente de Psicologia, Vilnius Pedagogical University, Lituânia Dr Lisa Oakley, Docente de Psicologia, Manchester Metropolitan University, UK Brigid O’Hea, Docente de Psicologia, Tralee Institute of Technology, Irlanda, UK Gert-Jan Pepping, Docente de Psicologia, University of Groningen, Holanda Oliver Robinson, Professor Titular de Psicologia, University of Greenwich, UK Dr. R Sanders, Professor Titular de Psicologia, York St John University, UK Brian Schiff, Professor Associado de Psicologia, The American University of Paris, França Mark Sergeant, Professor Titular de Psicologia, Nottingham Trent University, UK Roma Simulioniene, Professora Associada de Psicologia, Klaipeda University, Lituânia Benjamin Spicher, Docente de Psicologia, Zentrum für Testentwicklung, Suíça Lievens Stefaan, Professor de Psicologia, University Ghent, Bélgica John Stins, VU University, Amsterdam, Holanda Sabrina Tahboub-Schulte, Professora Assistente de Psicologia, American University of Sharjah, EAU

Ros Thomas, Chefe do Departamento de Psicologia e Aconselhamento, Webster University, Geneva, Suíça Mladenka Tkalcic, Professora de Psicologia, University of Rijeka, Croácia Joseph Tzelgov, Professor de Psicologia, Ben Gurion University, Israel Catherine Ward, Professora Titular de Psicologia, University of Capetown, África do Sul Wim Waterink, Professor Associado de Psicologia, Open University of the Netherlands Klaas Wijma, Professor de Psicologia, Linköping University, Suécia Ilene Winckler, Professora de Psicologia, Touro College Berlin, Alemanha Agradecemos aos seguintes professores que contribuíram para a produção das edições anteriores com seus feedbacks: James Ackil, Western Illinois University; Cynthia Allen, Westchester Community College; Eileen Astor-Stetson, Bloomsburg University; Gordon D. Atlas, Alfred University; Raymond R. Baird, University of Texas, San Antonio; Jeff Baker, The University of Texas Medical Branch; Ted A. Barker, Okaloosa-Walton Community College, N. Jay Bean, Vassar College; A. G. Beese, University of Leeds; Charles Behling, University of Michigan; John B. Best, Eastern Illinois University; Randolph Blake, Vanderbilt University; Terry Blumenthal, Wake Forest University; Richard W. Bowen, Loyola University; Thomas Brothen, University of Minnesota; James P. Buchanan, University of Scranton; James F. Calhoun, University of Georgia; Rose Capdevila, University College Northampton; Charles S. Carver, University of Miami; Avshalom Caspi, University of Wisconsin; Janice Chapman, Bossier Parrish Community College; Paul Chara, Loras College; Stephen Clark, Vassar College; Stanley Coren, University of British Columbia; Daniel Cervone, University of Illinois at Chicago; Edward Deci, University of Rochester; G. William Domhoff, University of California, Santa Cruz; Richard Eglfaer, Sam Houston State University; Gilles Einstein, Furman University; Judith Erickson, University of Minnesota; G. William Farthing, University of Maine; Mary Ann Fischer, Indiana University Northwest; William Rick Fry, Youngstown State University; Karl Gegenfurtner, Justin-Liebig-Universitat; Richard Gist, Johnson County Community College; W. B. Perry Goodwin, Santa Clara University; Carla Grayson, University of Michigan; Bill Graziano, Texas A&M University; Paul Greene, Iona College; Sandra Grossmann, Clackamas Community College; Charla Hall, Southeastern Oklahoma State University, David T. Hall, Baton Rouge Community College; Andrew Hill, University of Leeds; Elizabeth Hillstrom, Wheaton College; Stefan Hofmann, Boston University; David Holmes, University of Kansas; William L. Hoover, Suffolk County Community College; Ralph Hupka, California State University;


x    Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard

Addie Johnson, Utrecht University; Fred A. Johnson, University of the District of Columbia; Wesley P. Jordan, St. Mary’s College of Maryland; Grace Kannady, Kansas City Kansas Community College; Richard A. Kasschau, University of Houston; Richard Keefe, Scottsdale Community College; Charles Ksir, University of Wyoming; Cantey Land, Vassar College; Joan Lauer, Indiana University/Purdue University; David Leiser, Bengurion University of the Negev; Elissa M. Lewis, Southwest Missouri State University; Marc A. Lindberg, Marshall University; Emma Lou Linn, St. Edwards University; Richard Lippa, California State University, Fullerton; Daniel Lord, University of Alaska, Anchorage; Joseph Lowman, University of North Carolina; James V. Lupo, Creighton University; Traci Mann, University of California, Los Angeles; Michael Martin, University of Kansas; Douglas Matheson, University of the Pacific; Fred Maxwell, Southwest Missouri State University; Mary Benson McMullen, Indiana University; Steven E. Meier, University of Idaho; Chandra Mehrotra, College of Saint Scholastica; Sheryll Mennicke, University of Minnesota; Mitchell M. Metzger, Penn State University–Shenango; Thomas Miller, University of Minnesota; Thomas Miller, University of Oklahoma; Jannay Morrow, Vassar College; Dean Murakami, American River College; Gregory L. Murphy, University of Illinois at Urbana-Champaign; Frank Muscarella, Barry University; David Neufeldt, Hutchinson Community College; Gayle Norbury, University of Wisconsin–Milwaukee; Michael O’Hara, University of Iowa; Paul V. Olczak, SUNY, Geneseo; Carrol Perrino, Morgan State University; Jacqueline B. Persons, Oakland, California; David Pitlenger, Marietta College; Shane Pitts, Birmingham-Southern College; Steve Platt, Northern Michigan University; Mark Plonsky, University of Wisconsin–Stevens Point; Tom Posey, Murray State University; Janet Proctor, Purdue University; David Raskin, University of Utah; Erin Rasmussen, College of Charleston; Cheryl A. Rickabaugh, University of Redlands; Steven Robbins, Haverford College; Tim Robinson, Gustavus Adolphus College; Irvin Rock, University of California, Berkeley; Brian H. Ross, University of Illinois at Urbana-Champaign; Jack Rossman, Macalister College; Alex Rothman, University of Minnesota; Gene Sackett, University of Washington; D. Kim Sawrey, University of North Carolina, Wilmington; Harold Schiffman, Duke University; J. Anthony Shelton, Liverpool John Moores University; Robert Smith, George Mason Univer-

sity; Steven Smith, Texas A&M University; C.R. Snyder, University of Kansas; Joan Stanton, Wheaton College; Tim Strauman, University of Wisconsin, Madison; Elaine K. Thompson, Georgian Court College; Francine Tougas, University of Ottawa; Lynne S. Trench, Birmingham-Southern College; Stuart Valins, SUNY, Stonybrook; Frank Vattano, Colorado State University; Ann L. Weber, University of North Carolina at Asheville; Paul J. Wellman, Texas A&M University; and Carsh Wilturner, Green River College; Lance Workman, University of Glamorgan.

AGRADECIMENTOS A finada Susan Nolen-Hoeksema gostaria de agradecer a inestimável assistência de Frank Keil e Edward Watkins. Barbara L. Fredrickson agradece a sua aluna de doutorado Elise Rice pela assistência na preparação das atualizações para esta edição e C. Daryl Cameron, que escreveu a seção Pesquisa Inovadora do Capítulo 10. Ela também gostaria de agradecer seus antigos mentores Neil Lutsky, Laura Carstensen e Robert Levenson, por atraí-la para a ciência psicológica. Agradece também à Psychology Faculty at Standard University e ao programa de pós-doutorado de treinamento sobre Pesquisa das Emoções da faculdade de 1989-1992 NIMH pela sua influência no seu crescimento intelectual. Geoffrey R. Loftus agradece as contribuições de Julie Anne Séguin e Sarah Wyler, que tiveram um papel fundamental na revisão dos capítulos 3 e 4. Christel Lutz agradece a seus estudantes na University College Utrecht por fazerem do ensino tamanho prazer, e àqueles por serem seus mentores inspiradores, seus colegas e amigos: Willem Albert Wagenaar, Nico Frijda, Saul Sternberg, Jack Nachmias, Paul Rozin, Jeffrey Goldstein, Lonia Jakubowska, Jocelyn Ballantyne, Julie Gros Louis, Jesse Snedeker e Julia Fischer.

Colaboradores Um grande número de colaboradores contribuiu de forma inestimável nesta nova edição, incluindo a participação na edição de capítulos e contribuições para os recursos Pesquisa Inovadora e Vendo os dois lados.


sobre os autores

Susan Nolen-Hoeksema, Ph.D., que faleceu de forma inesperada em janeiro de 2013, é professora de psicologia na Yale University. Fez o bacharelado em psicologia na Yale University e o Ph.D. em psicologia clínica na University of Pennsylvania. A pesquisa de Nolen-Hoeksema foca as maiores taxas de depressão em mulheres comparadas aos homens e os efeitos da ruminação na depressão. Além de seus artigos em jornais, publicou 12 livros, incluindo livros escolares, livros-texto e livros para o público em geral. Nolen-Hoeksema ganhou três grandes prêmios de ensino e tantos outros pelas suas pesquisas, incluindo o Prêmio David Shakow Early Career da American Psychological Association (APA), o Prêmio Leadership do Committee on Women of the APA e o Prêmio Research Career do National Institute for Mental Health. Barbara L. Fredrickson, Ph.D., é Kenan Distinguished Professor na University of North Carolina em Chapel Hill, com título em psicologia e na Kenan-Flagler School of Business. Ela obteve seu bacharelado em psicologia na Carleton Collegee e seu Ph.D. na Stanford University. A pesquisa de Fredrickson concentra-se nas emoções, especialmente nas emoções positivas e seus elos com a saúde e o bem-estar. Ela compartilhou as descobertas das suas pesquisas com cientistas e estudantes de psicologia por meio dos artigos publicados em jornais e revisados por seus pares e também com o público em geral por meio de seus livros, Positivity (2009, Crown) e Love 2.0 (2013, Penguin). Sua pesquisa e ensino foram reconhecidos com inúmeras honrarias e prêmios, incluindo o Templeton Prize in Positive Psychology da American Psychological Association’s e o Prêmio Career Trajectory da Society for Experimental Social Psychology.

Geoffrey R. Loftus fez bacharelado na Brown University e obteve seu Ph.D. na Stanford University. Ele é professor na University of Washington em Seattle desde 1973, e professor visitante do MIT. Atuou como editor do Memory & Cognition, editor associado do Cognitive Psychology, e membro do comitê editorial de vários outros jornais. Escreveu inúmeros livros, capítulos de livros e artigos. Sua pesquisa diz respeito à percepção humana e à memória, bem como à matemática, à estatística, à metodologia científica, ao design urbano e aos videogames. Foi testemunha, como perito, em aproximadamente 250 casos criminais e civis. Christel Lutz, Ph.D., é conferencista de psicologia na University College Utrecht, na Holanda. Fez mestrado em física na University College Utrecht e obteve o Ph.D. em psicologia cognitiva experimental na University of Pennsylvania, onde ministrou cursos de percepção e psicologia cognitiva. É membro do Departamento de Ciências Sociais da University College Utrecht e desenvolveu cursos em psicologia experimental e em psicologia da motivação humana. Sua pesquisa atual foca o aprendizado e a motivação, e o desenvolvimento intelectual dos estudantes universitários.

SOBRE O REVISOR TÉCNICO

xi


SUMÁRIO

Capítulo 1 A psicologia e seus fundamentos biológicos 1 As origens históricas da psicologia   3 Debate hereditariedade/ambiente  3 Os primórdios da psicologia científica  4 Estruturalismo e funcionalismo  4 Behaviorismo 4 Psicologia da Gestalt  5 Psicanálise 6 Avanços posteriores na psicologia do século XX   6 A perspectiva biológica  7 A perspectiva comportamental  8 A perspectiva cognitiva  8 A perspectiva psicanalítica  9 A perspectiva subjetivista  9 Relações entre as perspectivas psicológica e biológica  9 Principais subcampos da psicologia   11

Como é feita a pesquisa psicológica  13 Geração de hipóteses  13 Experimentos 14 Correlação 15 Observação 17 Revisões da literatura  18 Ética na pesquisa psicológica  18

Fundamentos psicológicos da biologia  22 O estudo das bases biológicas da psicologia  23 Neurônios: os blocos de construção do sistema nervoso 25 Potenciais de ação  27 Transmissão sináptica e codificação neural  28 Neurotransmissores 30

A organização do cérebro   30 O metencéfalo  31 O mesencéfalo  32 O prosencéfalo  32 Assimetrias no cérebro  35

O sistema nervoso autônomo  38 O sistema endócrino  41 Evolução, genes e comportamento  42 Cromossomos e genes  42 Estudos genéticos do comportamento  44

Resumo do capítulo  48

Capítulo 2 Desenvolvimento psicológico  51 Hereditariedade versus ambiente  51 Estágios do desenvolvimento  52

Capacidades do recém-nascido  54 Visão 55 Audição 56 Paladar e olfato  56 Aprendizagem e memória  56

Desenvolvimento cognitivo na infância  58 Teoria dos estágios de Piaget   58 Uma crítica à teoria de Piaget  62 Alternativas à teoria de Piaget  63 Teoria da mente  65 O desenvolvimento do julgamento moral   67

Personalidade e desenvolvimento social  69 Comportamento social inicial  69 Apego 71 Autoconceito 73

DESENVOLVIMENTO ADOLESCENTE   75 Desenvolvimento biológico  75 Relações sociais na adolescência  75

resumo do capítulo  80

Capítulo 3 Processos sensoriais, percepção e consciência 81 Características das modalidades sensoriais  82 Limiar de sensibilidade  82 Sensação supraliminar   85 Teoria da detecção do sinal  86

Visão 90 Luz e visão  90 O sistema visual  90 Enxergando a luz  92 Enxergando padrões  93 Enxergando cores  95 Sensação e percepção: uma prévia apresentação   99

Audição 100 Ondas sonoras  101 O sistema auditivo  102 Audição da intensidade do som  103

xiii


xiv    Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard

Audição da altura (pitch) 104

Outros sentidos  107 Olfato 107 Gustação 108 Pressão e temperatura  110 Dor 110

Processos sensoriais e percepção e consciência  116 O que é o uso da percepção?   116 Processando e usando as informações sensoriais recebidas   116 Cinco funções da percepção  117

Atenção 117 Atenção seletiva  118 Atenção auditiva   119 Atenção, percepção e memória   119 Custos e benefícios de participar seletivamente dos estímulos  119

Localização 120 Separação dos objetos  120 Percebendo distâncias  124 Percebendo o movimento   125

Reconhecimento 127 Processamento global a local  128 O problema vinculante: processos pré-atencionais e atencionais 129 Determinando o que é um objeto  130 Estágios tardios do reconhecimento: modelos de rede  131 Reconhecendo objetos naturais e processamento top-down 133 Processamento especial de estímulos socialmente relevantes: reconhecimento de faces   136 Falha de reconhecimento  137

Abstração 138 Do exato ao abstrato   139 As vantagens da abstração: armazenagem necessária e velocidade de processamento   139

Constâncias perceptivas  141 A natureza das constâncias  141 Constância da cor e do brilho  141 Constância da forma  142 Constância do tamanho  142 Ilusões 144 Constâncias em todas as modalidades sensoriais   145

Divisões do trabalho no cérebro   146 A base neural da atenção  146 O córtex visual  147 Sistemas de reconhecimento versus localização  148

Desenvolvimento perceptivo  150 Discernimento das crianças  150 Estimulação controlada  152

Consciência 155 Aspectos da consciência  155 Consciência 156 Memórias pré-conscientes  156 O inconsciente  157 Automatismo e dissociação   157

Sono e sonhos  158

Estágios do sono  159 Teoria do sono  161 Distúrbios do sono  161 Sonhos 163 Teorias sobre os sonhos  164

Meditação 165 Drogas psicoativas  167 Sedativos 168 Drogas ilícitas  170 Opiáceos 172 Estimulantes 173

Resumo do capítulo  178

Capítulo 4 Aprendizagem, condicionamento e memória 181 Perspectivas da aprendizagem  182 Condicionamento clássico  183 Experiências de Pavlov  183 Fatores cognitivos   187 Limites biológicos   188

Condicionamento operante  189 Experiências de Skinner  190 Fatores cognitivos  196 Limites biológicos  197

Aprendizagem e cognição  198 Aprendizagem por observação  198 Crenças preexistentes  199

Aprendizagem e o cérebro  201 Habituação e sensibilização  201 Condicionamento clássico  202 Base celular da aprendizagem  203 Consequências estruturais da aprendizagem  205

Aprendizagem e motivação  205 Ativação 206 Dos incentivos às metas  206 Motivação intrínseca e aprendizagem  206 Memória 209

Três distinções importantes  209 Três estágios da memória  210 Três armazenamentos da memória  210 Memórias diferentes para tipos de informação diferentes  211

Memória sensorial  211 Experimentos de Sperling: o experimento do relato parcial  212 Persistência visual: o experimento da integração temporal  213 Relato parcial, persistência visual e a teoria que os integra  213

Memória operacional  214 Codificação 214 Conceitos atuais acerca da memória operacional   216 Armazenamento 217 Recuperação 219


SUMÁRIO   xv

Memória operacional e pensamento  219 Transferência da memória operacional para a memória de longo prazo 220 Divisão do trabalho do cérebro entre memória operacional e memória de longo prazo  221

Memória de longo prazo  222 Codificação 223 Pistas de recuperação  224 Esquecimento: perda de informações do armazenamento  226 Interações entre codificação e recuperação  227 Fatores emocionais no esquecimento  227

Memória implícita  230 Memória na amnésia  230 Vários sistemas de memória  233 Memória implícita em indivíduos normais  233

Memória construtiva  235 A memória da infância de Piaget  235 Processos construtivos à época da codificação da memória  236 Reconstrução da memória pós-episódio  237 Memória construtiva e o sistema jurídico  239 Erros de memória e memória normal  242

Aperfeiçoamento da memória  243 Chunking e amplitude de memória  243 Imagética e codificação  244 Elaboração e codificação  245 Contexto e recuperação  245 Organização 245 Praticando a recuperação  247

resumo do capítulo  250

Capítulo 5 LINGUAGEM E PENSAMENTO  253 Linguagem e comunicação  253 Propriedades da linguagem  253 Unidades e processos de linguagem  254 Efeitos do contexto na compreensão e na produção   256 O fundamento neural da linguagem  257

O desenvolvimento da linguagem  258 Aquisição da linguagem  260 Fatores inatos  261

Conceitos e categorização: os blocos de construção do pensamento 263 Funções dos conceitos   263 Protótipos 264 Hierarquias dos conceitos  265 Diferentes processos de categorização  265 Aquisição de conceitos  266 Os fundamentos neurais dos conceitos e da categorização  267

Raciocínio e tomada de decisão  269 Raciocínio dedutivo  269 Raciocínio indutivo  271 Heurística 271 Efeitos do enquadramento  273 O fundamento neural do raciocínio  273

Pensamento em ação: resolução de problemas  275 Estratégias de resolução de problemas  275 Representação do problema  276

Pensamento imagético   277 O fundamento neural da imagética  279 Especialistas versus principiantes  279 Automaticidade 280 Pensamento inconsciente para decisões complexas  281

resumo do capítulo  284

Capítulo 6 Motivação, emoções e inteligência  286 Impulsos e homeostase  287 Temperatura do corpo e homeostase  288 Sede como um processo homeostático  288

Motivação à base de incentivo e recompensa  290 Vício em drogas  291

Fome, alimentação e transtornos alimentares  294 Interações entre homeostase e incentivos  295 Sinais de fome psicológica  295 Integração de sinais de fome   296 Obesidade 297 Anorexia e bulimia  301

Gênero e sexualidade  304 Desenvolvimento sexual precoce   305 Hormônios versus ambiente  306 Sexualidade adulta  307 Orientação sexual  311

Emoções 315 Componentes das emoções  315 Avaliação cognitiva e emoção  317 Descoberta das avaliações  317 Temas e dimensões das avaliações  319 Avaliações conscientes e inconscientes  320 Avaliações no cérebro  321

Experiências subjetivas e emoções  322 Os sentimentos modificam a atenção e a aprendizagem  322 Os sentimentos modificam avaliações e julgamentos  323

Tendências de pensamento e de ação às emoções  324 Alterações corporais e emoções   325 Intensidade das emoções  326 Diferenciação das emoções  327

Expressão facial e emoção  330 Comunicação da emoção por meio das expressões faciais  330 A hipótese do feedback facial  331

Respostas às emoções: regulação das emoções  332 Emoções, gênero e cultura  333 Diferenças entre os gêneros  334 Diferenças culturais  335

Psicologia positiva  336 Emoções positivas e longevidade  336 Emoções positivas constroem recursos pessoais  337

Resumo do capítulo  342


xvi    Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard

Capítulo 7 Inteligência 345 Avaliação das habilidades intelectuais  345 Os primeiros testes de inteligência  345 A Escala de Inteligência Stanford-Binet   346 As escalas de inteligência Wechsler  348

Teorias contemporâneas da inteligência: muitas ou poucas inteligências?  349 Teoria das inteligências múltiplas de Gardner   349 Teoria da inteligência e do desenvolvimento cognitivo de Anderson 350 Teoria triárquica de Sternberg  351

Genética e inteligência  352 Hereditariedade 353

Inteligência emocional  355 Incapacidade geral de aprendizado  356 Causas da incapacidade geral de aprendizado  357 Tratamentos para a incapacidade geral de aprendizado 358

resumo do capítulo  362

Capítulo 8 Personalidade 364 Inventários de personalidade  366 Mecânismos de defesa  369 Desenvolvimento da personalidade  371 Modificações das teorias de Freud  372 Testes projetivos  372 Problemas com os testes projetivos  373 Um retrato psicanalítico da natureza humana 374 Avaliação da abordagem psicanalítica  374

A abordagem comportamental  376 Aprendizagem social e condicionamento  376 Um retrato behaviorista do comportamento humano   377 Avaliação da abordagem comportamental  377

A abordagem cognitiva  378 Teoria da aprendizagem social  378 Teoria dos construtos pessoais de Kelly  379 Autoesquemas 380 Um retrato cognitivo da natureza humana  380 Avaliação da abordagem cognitiva  381

A abordagem humanista  381 Carl Rogers  382 Abraham Maslow  383 Um retrato humanista da natureza humana  384 Avaliação da abordagem humanista  384 Um retrato evolucionário da natureza humana   388 Avaliação da abordagem evolucionista  388

A genética da personalidade  389 Interações entre personalidade e ambiente  389

Resumo do capítulo  393

Capítulo 9 Estresse, saúde, enfretamento, transtornos psicológicos e tratamento de problemas de saúde mental  395 Reações fisiológicas ao estresse  398 Estresse e saúde física  400 Doença coronária  400 O sistema imune  401 Comportamentos associados à saúde  403

Estresse e saúde psicológica  404 Avaliações, enfrentamento e saúde  406 Avaliações 407 Enfrentamento 408

Administrando o estresse  412 Técnicas comportamentais  412 Técnicas cognitivas  413 Modificação do comportamento tipo A  413

Transtornos psicológicos  416 Definição de anormalidade  416 Desvio das normas culturais  416 Desvio do comum  416 Comportamento com deficiência de adaptação  416 Distress 417 Classificação dos problemas de saúde mental  418 Perspectivas dos problemas de saúde mental  418

Transtornos de ansiedade  420 Transtornos do pânico  420 Compreendendo o transtorno do pânico e a agorafobia  421 Fobias 423 Compreendendo as fobias  423 Transtorno obsessivo-compulsivo  424 Compreendendo o transtorno obsessivo-compulsivo  425

Transtornos de depressão e bipolaridade  427 Transtorno bipolar  428 Compreendendo os transtornos do humor  428

Esquizofrenia 433 Características da esquizofrenia  434 Sintomas motores e afastamento da realidade  435 A cultura e a progressão da esquizofrenia  435 Compreendendo a esquizofrenia  436

Transtornos de personalidade  438 Transtorno de personalidade antissocial  439 Compreendendo o transtorno de personalidade antissocial   439 Fatores biológicos  439 Transtorno de personalidade borderline  441 Compreendendo o transtorno de personalidade borderline  441

Transtorno do espectro autista  442 Diagnóstico do transtorno do espectro autista  442 Compreendendo o transtorno do espectro autista  446

Tratamento de problemas de saúde mental  447 Antecedentes históricos  447 Técnicas psicoterápicas  450 Terapias comportamentais   450 Dessensibilização sistemática e exposição in vivo  451 Terapias cognitivo-comportamentais  452


SUMÁRIO   xvii

Terapias psicodinâmicas  454 Terapias humanísticas  455

TERAPIAS biológicas  457 Drogas psicoterapêuticas   457 Terapia eletroconvulsiva  458 Combinação das terapias biológica e psicológica   458

Melhorando a saúde mental  459 resumo do capítulo  462

Capítulo 10 influência e cognição social  465 A presença dos outros  466 Facilitação social e inibição social  466 Desindividualização1 468 Efeito do “espectador”   469

Conformidade e obediência   472 Conformidade com a maioria  472 Influência da minoria  476 Obediência à autoridade  477

Atitudes 509 Comunicação persuasiva  509 Atitudes e comportamento  512

Atração interpessoal  514 Afeto e atração  514 Amor e sexo  518 Vínculo entre parceiros e estratégias de intercurso   519

Recapitulação: dois modos de cognição social  523 Resumo do capítulo  523

Apêndice 526 Métodos estatísticos e medidas  526 Estatística descritiva  526 Distribuição de frequência  527 Medidas de tendência central  527 Medidas de variabilidade  528

Inferência estatística  530

Autojustificação 484 Grupos de referência e identificação  487

Populações e amostras  530 A distribuição normal  530 Escalonamento de dados  531 Qual a representatividade de uma média?  532 A significância de uma diferença  532

Interações em grupos  489

Coeficiente de correlação  534

Internalização 484

Normas institucionais  489 Tomada de decisões em grupo  490

Correlação produto-momento  534 A interpretação de um coeficiente de correlação  535

Recapitulação: visão sociopsicológica do aparentemente inexplicável 496 Cognição Social  497 Como formamos uma impressão   497

glossário 537

Estereótipos 497 Individualização 503 Atribuições 505

referências bibliográficas  555


Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard  

Autora: Susan Nolen-Hoeksema ISBN-10: 85-221-2716-6 ISBN-13: 978-85-221-2716-0 E-BOOK: 978-85-221-2717-7 © 2018 | 592 páginas

Introdução à psicologia de Atkinson & Hilgard  

Autora: Susan Nolen-Hoeksema ISBN-10: 85-221-2716-6 ISBN-13: 978-85-221-2716-0 E-BOOK: 978-85-221-2717-7 © 2018 | 592 páginas

Advertisement