Page 1

IX InternEJ

Edital para Eleição do Coordenador Geral


I. Introdução O presente documento tem como objetivo apresentar as informações referentes à forma de seleção do Coordenador Geral do evento, que será realizada ainda em 2013.

II. Evento O InternEJ – Encontro Interno de Empresas Juniores da UFV– é um evento realizado anualmente, desde 2006, na Universidade Federal de Viçosa – Campus Viçosa. É o maior e mais importante evento do MEJ UFV, sendo um dos objetivos mais reais e atraentes para articulação de parcerias para todo o Movimento. Logo, sua organização deve ser acompanhada de perto pela Central Estudantil de Empresas Juniores da UFV (CEEMPRE), a qual deve zelar pelo cumprimento dos objetivos desse evento e para que os padrões de qualidade do mesmo cresçam a cada ano.

III. Público-alvo Empresários juniores da Universidade Federal de Viçosa, de Minas Gerais e do Brasil, estudantes, professores e empresários com relações e interesses no Movimento Empresa Júnior.

IV. Objetivos Gerais do Evento - Proporcionar real integração e aproximação entre os participantes do evento, visando o fortalecimento do MEJ e maior atuação do mesmo perante a sociedade;


- Promover entre os empresários juniores, a circulação de conhecimento, troca de experiências, tecnologia, ideias e ideais; - Ser meio de articulação de parcerias entre o MEJ e entidades dos diversos setores de Minas Gerais e no Brasil; - Promover discussões, proposições e ações práticas para que as empresas juniores possam, de fato, contribuir cada vez mais (e de forma consciente)para o desenvolvimento do país; - Proporcionar aos participantes informações e treinamentos direcionados às suas áreas de atuação profissional, mediante palestras, cases, workshops e outras atividades, bem como discutir temas de interesse geral, para que possam realizar os projetos de suas empresas juniores da melhor maneira; - Maior divulgação e comunicação do Movimento Empresa Júnior, mediante o envolvimento governamental e empresarial nas discussões geradas antes, durante e após o evento, além de ações de mídia para disseminar o ideal e divulgar o evento; - Favorecer e estimular a participação das Instituições de Ensino no evento, ressaltando a contribuição das empresas juniores no caráter de pesquisa e extensão, bem como no enriquecimento do currículo acadêmico e na formação de profissionais mais bem preparados e conscientes de seu papel na sociedade; - Incentivar, através da participação no evento, a criação de novas Empresas Juniores.

V. Atribuições do Coordenador Geral O Coordenador Geral tem como tarefa gerir a equipe de Coordenadores e se responsabilizará por todo o projeto e execução do evento. Todos os resultados das diversas áreas do evento serão cobrados diretamente do coordenador geral. A


seleção dos assessores para o evento será realizada após a escolha dos coordenadores e do local do evento. O Coordenador Geral deverá elaborar um Plano de Candidatura e será selecionado através de deliberação pelo Conselho Deliberativo da CEEMPRE. Vale ressaltar ainda que o presente edital define apenas as atribuições específicas do Coordenador Geral, a saber: - Participar das entrevistas de seleção dos demais Coordenadores e seus respectivos Assessores; - Realizar reuniões semanais com todos os Coordenadores do evento; - Realizar reuniões com a Diretoria Executiva e Presidência do Conselho da CEEMPRE, sempre que solicitado, a fim de discutir e repassar a situação das atividades do evento; - Prezar pela transparência dos trabalhos, construindo relatórios com periodicidade definida e enviando-o à Diretoria Executiva, à Presidência do Conselho e ao Conselho Deliberativo da CEEMPRE; - Redigir atas de cada reunião que envolva o evento e repassá-las à equipe e à Diretoria Executiva e à Presidência do Conselho da CEEMPRE; - Controlar e apoiar as atividades das demais Coordenadorias, visando ao alto desempenho; - Representar o evento em reuniões e outros eventos em que esteja presente, juntamente ao Diretor Presidente da CEEMPRE; - Manter a comunicação eficaz entre todos os integrantes da equipe, favorecendo à integração; - Alinhando as atividades da equipe com a estratégia e a cultura organizacional da CEEMPRE, difundindo-a, juntamente à Assessoria de Eventos da CEEMPRE;


- Buscar a integração com demais eventos do Movimento Empresa Júnior; - Estabelecer contato e prezar pelo bom relacionamento com a Coordenadoria de Eventos da Brasil Júnior, a fim de garantir as melhores condições para a realização do evento; - Realizar reuniões, treinamentos estratégicos e técnicos com toda a equipe do evento; - Elaborar a escala de trabalho dos dias do evento; - Emitir, em nome da equipe organizadora, esclarecimentos acerca do andamento das atividades do evento, sempre que solicitado pela Diretoria Executiva, Presidência do Conselho ou Conselho Deliberativo da CEEMPRE.

VI. Requisitos da Candidatura Não é necessário que o candidato esteja em um cargo efetivo da Empresa Júnior (EJ) para a candidatura. Entretanto é necessário que esse já tenha sido membro de uma EJ do MEJ-UFV. Além disso, é obrigatório que o candidato tenha previsão de formatura após dezembro de 2014. Os candidatos devem ter facilidade de acesso aos meios de comunicação instantâneos, como internet e celular.

VII. Critérios do Plano de Candidatura Os Planos de Candidatura deverão seguir o padrão disponibilizado junto ao edital. O candidato deverá fazer o download do arquivo e preenchê-lo, seguindo a descrição de cada tópico do modelo. Além do Plano de Candidatura, o candidato deve estar ciente de que é sua responsabilidade a elaboração da apresentação para o dia da sabatina.


VIII. Prazos Os

Planos

de

Candidatura

deverão

ser

enviados

para

<presidencia.conselho@ceempre.org> até as 23h59min do dia 09 de dezembro de 2013. Elas serão divulgadas ao Conselho no dia 10 de dezembro de 2013. A apresentação das propostas e a sabatina serão realizadas no dia 11 de dezembro de 2013, em Assembleia Geral Extraordinária, especificamente convocada para esse fim. O horário de início está previsto para as 18h, isto é, a Assembleia será realizada antes da Cerimônia de Posse no Auditório do Departamento de Economia Rural.

IX. Considerações Finais O engajamento e alinhamento da rede se consolida a partir do momento em que é possível crescer de forma sólida e madura. E cada empresa júnior tem imensa responsabilidade nessa evolução. Quando um empresário júnior de uma EJ opta por atuar na organização de um evento tão importante para o MEJ UFV, e se candidata ao cargo de Coordenador Geral também fica evidenciada a contribuição da EJ na formação de mais e melhores empreendedores para o Brasil, para Minas Gerais e para as cidades de Florestal, Rio Paranaíba e Viçosa.

Viçosa, 02 de dezembro de 2013.


Edital de Eleição do Coordenador Geral do IX InternEJ  

Edital de Eleição do Coordenador Geral do IX InternEJ