Page 1

Richa consegue na Justiça liberar empréstimos travados Presidente da Assembleia Legislativa, Valdir Rossoni (PSDB) disse que saída da ministra Gleisi Hoffmann da Casa Civil contribuiu para a liberação de financiamentos do Proinveste na ordem de R$ 817 milhões. Recursos serão aplicados em infra-estrutura. Página 08

Acabou a paciência! "Liberação das obras da BR-116 já"

População fazendense e motoristas que trafegam frequentemente no trecho entre Fazenda Rio Grande e Curitiba estão no limite da paciência com o atraso na liberação das obras de duplicação que já estão concluídas. Um protesto convocado pelas redes sociais promete interromper o tráfego, neste sábado(15), às 10 horas, para chamar a atenção das autoridades para uma solução urgente do impasse que envolve poder público, concessionária e uma ação popular. Página 03


02

Opinião

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

Editorial

Do nosso couro farão a Copa da FIFA 2014! Violência! Então, esses dias recebi um vídeo no Face, onde dois moleques estavam atracados, lutando em uma sala de aula onde a professora de maneira indiferente, seguia conjugando verbos com o restante da sala... Os dois gurís, com aproximadamente 10 anos rolavam no chão, mostrando uma certa familiaridade com o jiu-jitsu, creio eu, do alto de minha ignorância marcial. Poxa, fiquei pensando, qual o futuro desses carinhas? O pior é que do jeito que anda o Brasil, infelizmente eles tem mais futuro do que o restante que estava estudando... Temos em nosso país alguns dos melhores lutadores de MMA do Mundo, o que mostra que assim como o caminho da bola, o da porradaria também é uma possibilidade de encher o baú da véia de grana. Essa supervalorização da força bruta está criando uma situaçã extrema, vivemos em um estado de alerta constante, mas o pior de tudo, anestesiados com a violência já banalizada que nos cerca.

Mais violência... Semana passada no Rio de Janeiro, um adolescente acusado de roubos, foi encontrado preso a um poste, trancafiado com uma trava de bicicleta, pelado e espancado... O caso que já mostrava o despreparo total da sociedade em lidar com a criminalidade na adolescência, só piorou quando uma jornalista rasgou o verbo com a história de bandido bom é bandido morto, e se tá com pena leva pra casa. Poxa meu xuxu... Arruma a escola que vai esvaziar a cadeia e levar pra casa? Pra casa de Deus serve? Tá cheio de igrejas sérias por aí que fazem um resgate social de primeira. Acredito que muitos estão se valendo do caos por interesse político, o famoso quanto pior melhor. Parabéns campeões, isso tá igual carro velho na ladeira, se seguir nesse rumo, só para no barranco... Minha opinião: Em meio a essa bagunça de desgoverno e convulsão civil, acabam surgindo protestos também desorganizados e infiltrado por bandidos. Infelizmente o que começa errado termina pior, como a tragédia da morte do cinegrafista atingido por um rojão criminoso, lançado por um baderneiro. Somando a isso, lembro das cenas de selvageria do ano passado, onde uma partida de futebol virou batalha campal e me pergunto até que ponto vamos regredir... Hoje tomamos por comum ver cenas de senzala na rua, um ônibus incendiado por dia, show de porradaria como forma de entretenimento e valores invertidos. Ou praticamos o “ame a seu próximo como a tí mesmo”, ou só iremos ladeira abaixo... Olhos atentos meu povo... T+

Expediente

Enéas Ribeiro - cartunista da paz - ribeiro.arte@hotmail.com

Para investimentos em educação, saúde, moradia e segurança, que são de extrema necessidade para socorrer a surrada população brasileira, o governo federal não tem dinheiro. O engraçado é que parece que existe dinheiro de sobra para a realização da chamada Copa da FIFA de 2014 no país, incluindo custos de construção e reforma de estádios - alguns em estados onde sequer existe time profissional na primeira divisão de futebol - e vias de acesso e transporte, cujos valores financiados pelo Governo Federal já ultrapassaram 25 bilhões de reais, muito acima dos custos do mesmo evento realizado em Países como Japão e Alemanha em 2002 e 2006, respectivamente. E olha que o valor divulgado é aquele que os governantes permitem que saibamos. A desculpa do Governo Federal para a realização da Copa 2014 é que o evento deve atrair 500.000 estrangeiros, com capacidade de gastarem cerca de 3 bilhões de reais no país. E ainda se desculpam nos enfiando goela abaixo que os valores financiados pelo governo para as obras da Copa serão pagos pelas empresas concessionárias que assumirão a administração dos estádios e demais serviços depois da realização do evento. E ainda passando mel na chupeta do anestesiado e alienado povo brasileiro lá vem o governo federal dizendo que grande parte do valor foi aplica-

do em obras de mobilidade urbana, as quais ficarão como legado para a população em doze cidades que servirão de sede para o evento. Mas será que todo dinheiro que está sendo investido em estádios (muito superior ao valor que se estima ser arrecadado com o turismo) não poderia ser investido em outras necessidades primárias da população como saúde e educação? E mais: caso não sediássemos a tal Copa não precisaríamos de melhoria nenhuma em nossas cidades? Vergonha! A grande realidade é que o nosso querido Brasil varonil está sendo maquiado para engambelar a sua verdadeira cara. E tem mais amigos: há um risco de o governo ter emprestado grandes quantias provenientes do tesouro nacional para construtoras e concessionárias realizarem as obras as quais, em contrapartida, pagarão os valores num prazo de vinte a trinta anos. Considerando o atual ambiente de crise financeira mundial e déficit de investimentos em áreas sociais no Brasil isto é um verdadeiro absurdo. Na opinião de algumas pessoas o processo de implementação dos recursos públicos nas obras foi o causador da insatisfação que terminou por ocasionar os tais protestos desde a Copa das Confederações e que alastrar-se-ão - acredito eu - até o evento em pauta: Copa do Mundo da FIFA 2014. Segundo o comando responsável pela Copa do Mundo,

os gastos com o evento aumentaram 2,5 bilhões de reais em junho de 2013. No mesmo mês os totais gastos com a Copa 2014 já somavam 28 bilhões de reais, dados do Ministério do Esporte. Por isso afirmo que o real rombo nos cofres públicos só Deus é quem saberá. O mais nojento é que a tal FIFA - Federação Internacional de Futebol - exigiu durante os quatro anos de preparação para a Copa de 2014, que o Brasil acelerasse as obras dos estádios e de mobilidade urbana, fator que encareceu ainda mais os custos, exigindo que os estádios fossem construídos ou reformados dentro dos padrões internacionais impostos por ela. Tal fato permitiu que os caras metessem a mão no jarro da forma que quiseram. Ora, não é de duvidar que eles mesmos arrumaram a desculpa de que as obras precisaram ser aceleradas. E enquanto isso o governo consegue sustentar o seu “índice de aprovação” dando esmolas para uma parte da população em detrimento de outra. Desculpe ai meu povo, mas chega de acharmos que devemos ter compaixão e concordarmos com o governo em sustentar os seus eleitores distribuindo bolsas e cotas. O que devem sim fazer os nossos governantes é concluir a transposição do São Francisco promovendo empregos e educação nas regiões de maior índice de miséria. No entanto, o que querem os nossos políticos é perpetuar a ignorância e a de-

pendência política para se manterem no poder... Só não enxerga isso quem verdadeiramente está alienado, hipnotizado desde quando o 4 dedos e seu bando assumiram o alto comando da nossa nação. Vamos acordar meu povo! Com os mais de 28 bi da Copa, todos os problemas sociais do nosso País seriam sanados!!! Como diz meu Ilustre amigo Dr. Paulo Paim “a prioridade dos nossos políticos é perpetuar a ditadura petista custe o que custar e é claro que sempre com o nosso suado dinheirinho. Sustentamos essa corja em suas contas de restaurantes e vinhos caros sem contar atrocidades maiores ainda cometidas por eles com o dinheiro dos nossos impostos e que se dane o mundo!!!” Para encerrar quero lhes dizer ainda que existem empresários visionários, arrojados e honestos que nunca conseguiram um centavo do BNDES para implementar seus negócios. No entanto, a nossa presidenta empresta cifras incalculáveis para seu comparsa cubano para a construção de porto sem sequer dar satisfação para aqueles que a elegeram. Pra mim não há necessidade, pois jamais votei em alguém deste partidinho, uma vez que não comungo com os tais, contudo, pago impostos abusivos por eles impetrados e, por isso, mereço sim uma explicação! Um forte abraço e viva ao único digno de nosso louvor: “Nosso Senhor Jesus”.

Racionamento ou Apagão A capacidade de geração de energia elétrica não acompanhou o crescimento da demanda. Por mais que o governo fale ao contrário, teremos racionamento ou apagão de energia elétrica em 2014. A chance de que isso ocorra durante a Copa do Mundo é bastante alta. Esse será o cenário para a economia brasileira para os próximos dois anos. Isso se o regime de chuvas voltar à média ou acima da média em 2014. Até agora as chuvas estão bem abaixo da média. O período chuvoso começa em novembro e termina em abril. Ainda temos dois meses e meio para terminar o período de chuvas. Se em 2015 chover novamente abaixo da média, os ajustes no próximo ano serão piores ainda. Só estará a salvo quem tiver capacidade de geração própria, ou seja, as grandes empresas. O governo vai continuar a negar a restrição da capacidade de atendimento até a necessidade de contenção do consumo ser inevitável. Por esse motivo não leve em conta o que o governo fala e se prepare para a pior si-

tuação. A redução do consumo foi uma das ferramentas usadas pelas concessionárias de energia elétrica em São Paulo em 2001. Planeje desde já uma redução do seu consumo médio de energia elétrica. Outra alternativa é a instalação de produção própria de energia elétrica. Isso vale mais para as empresas do que para as residências. Muitos prédios precisarão implantar geradores para que os elevadores funcionem e também para as bombas d'água. Quem mais vai sentir as privações de energia serão os pequenos consumidores. Eles não têm recursos para investir na geração própria. Os custos de geração são muito altos para um pequeno consumidor. Para os grandes esses investimentos são fundamentais para a continuidade do seu funcionamento. Muitas empresas vão perder capacidade de produção por falta de energia elétrica. Os apagões não ocorrerão só no final da tarde ou começo da noite, mas também durante o dia. O preço dos apartamentos devem cair bastante nos próxi-

mos meses. O racionamento de energia elétrica vai levar a desativação dos elevadores, nos prédios que não tem geração própria. Em muitos prédios a única alternativa serão as escadas, tornando os apartamentos mais altos bem mais baratos. As pessoas estão desacostumadas a usarem as escadas, por falta de preparo físico. Nos primeiros momentos esses exercícios serão muito difíceis. Com o tempo as pessoas vão se acostumar a usarem as escadas. Outra restrição vai ser o uso de água. Sem energia elétrica, muitos prédios não terão água, pois a água precisa ser bombeada para as caixas, que estão instaladas no topo dos prédios. Até instalarem geradores para acionar as bombas de elevação da água, os moradores não terão água nem para tomar banho. As casas com poços próprios serão valorizadas. Ter água para tomar banho e não precisar subir escadas será uma grande vantagem. A iluminação pública vai ser reduzida para economizar energia elétrica. São Paulo viveu um verdadeiro apagão em 2001. A

violência nas ruas não aumentou com a redução da iluminação pública, mas o sentimento de medo de se deslocar à noite aumentou bastante. Os locais mais distantes ficaram desertos. Os movimentos dos bares e restaurantes diminui bastante à noite. Resumindo a falta de energia elétrica vai mudar bastante a vida dos brasileiros e como tudo na vida a gente se adapta. Será a última lembrança do governo do PT, da mesma forma que foi o governo do PSDB, que ainda hoje é lembrado pelo apagão que provocou em São Paulo. O PT ampliou a apagão, agora ele vai se espalhar pelo Brasil inteiro. A história se repete como tragédia. Será o fim de uma era: de políticos que mentem bastante e fazem muito pouco. O Brasil se transformou muito nos últimos 11 anos. Mais por força do seu povo, do que pelo seu governo. Os avanços na nossa agricultura de exportação foram muito grandes. A infraestrutura do país ainda está por ser construída. Quem se habilita a construir o novo Brasil?

Jornal A Semana Ltda ME - CNPJ: 08.707.885/0001-75 Administração: Rua Parintins, 74 - Vila Izabel - Curitiba - Redação: Rua Hipólito da Costa, 732 - Sala 03 - Boqueirão - Curitiba Fone: (41) 3627-1997 / 9162-6192 - jornal@asemananews.com.br Diretor: Sérgio Dalgallo - Jornalista Responsável: Dimas Rodrigues DRT 3023-PR - Jurídico: Dra. Daniele Silvia de Oliveira - OAB-PR 44453 Diagramação: Tatiana Carla de Souza - Distribuição: Curitiba e Região Metropolitana Os artigos assinados não expressam necessariamente a opinião do jornal, sendo de total responsabilidade de seus autores. O jornal não se responsabiliza pelo conteúdo publicitário dos anúncios veiculados. www.asemananews.com.br Disse Jesus: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por Mim”. (João 14:6)

Prof. César Graça


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Destaque 03

População fazendense pede a "liberação das obras da BR-116 já" Dimas Rodrigues As obras de duplicação no trecho de 7 km que liga Fazenda Rio Grande a Curitiba já estão prontas para uso, porém, em razão de um impasse entre o poder público, além de uma ação popular, impedem que o tráfego seja liberado por completo - apenas 3,8 km estão autorizados para circulação. A população fazendense e os motoristas que passam frequentemente pela via e que por décadas sofreram com os riscos de transitar em pista simples, viviam a esperança de que a implantação da duplicação significaria o fim dos congestionamentos e dos transtornos por causa dos atrasos nos compromissos diários. Ledo engano. Mesmo com as obras concluídas, a lentidão no trecho continua e a paciência de moradores e usuários da rodovia está no limite. Um protesto entitulado "Liberação da BR já" ganhou corpo nas redes sociais nos últimos dias e promete parar a rodovia, no próximo sábado, para cobrar uma solução imediata desse imbróglio. "Antes da obra, era porque a pista era simples e não andava. Agora tem fila na ponte, fila no Ceasa e no outro cruzamento perto da passarela (Rua Angelo Burbello). A gente perde muito tempo, não dá conta de chegar no horário. Levo 1h30 minutos pra chegar no Pinheirinho, algo que pode levar 25 minutos", relata Roseni Katt de Oliveira, diarista, que diariamente como boa parte dos fazendenses, usa o transporte coletivo para trabalhar em Curitiba. "Os ônibus vão e vem cheio, acumulando muita gente nos pontos, em pé, nesse calor, não dá mais. Tem que liberar isso de uma vez", cobra a trabalhadora. A assistente de vendas, Kelli Maria Zampiron, mo-

Obras nos 7km do trecho já estão concluídas, mas boa parte do percurso não está liberada para o tráfego, mantendo o congestionamento e o estresse

radora do Santa Terezinha, tem uma rotina similar a de Roseni. Nas idas e vindas

"Entre os interessados da ação estão os responsáveis pelo Posto Pelanda 16 que entre outras alegações entendem que terão prejuízos na lanchonete, pois os freqüentadores, moradores de Fazenda Rio Grande, teriam dificuldades para acessar o posto com o fechamento das barreiras que dividem as duas pistas"

pelo percurso, Kelli chama atenção a algo que ajuda a

explicar outra razão que fez com que a população não tenha conseguido ainda usufruir plenamente da pista dupla. "Saio de casa 6h30 pra chegar a Curitiba às 8 horas. A hora que passo ali, não vejo ninguém trabalhando e na volta, também. Outra coisa, porque não tiram os cones (de concreto) que impedem a circulação na hora de pico?", questiona. No contato direto com motoristas e passageiros, Nabor Anunciação, coordenador de operação da Leblon Transportes, conta que os constantes engarrafamentos obrigam mudar o itinerário dos ônibus para tentar minimizar os atrasos. "A obra terminou e continua causando grandes transtornos. Temos que desviar a rota pelo Umbará, pela rua Londrina, mas aí os ônibus tem que passar por 20 lombadas e começa a quebrar. Temos que substituir os ônibus, muitas vezes, duplicar os fun-

cionários na escala por causa dos engarrafamentos na BR. Algo precisa ser feito para que o trecho seja liberado", disse Nabor. O diretor da Leblon Transportes, Haroldo Isaak é ainda mais enfático na cobrança pelo fim dos transtornos. "Tudo isso tem gerado desconforto para os passageiros, filas enormes. Está insuportável essa indecisão entre todos os responsáveis pela liberação da BR-116. Os fazendenses cansaram e não há razão lógica para explicar porque uma maioria fica prejudicada por interesse de poucos. Precisamos de uma solução urgente", reivindica. Impasse De acordo com a ANTT, o restante da duplicação da rodovia não foi liberado ao tráfego em função da necessidade "de implantação de dois retornos em nível provisórios nos km 118,9(Rua Jorge Tor-

tato, perto do Posto 16) e km 122,7(Rua Angelo Burbello)". Estas obras seriam necessárias para possibilitar os cruzamentos e retornos sem causar prejuízos aos usuários dos bairros Tatuquara, Campo Santana, Caximba e Umbará, em Curitiba, tendo em vista que os dois trevos completos no km 121,6 e km 125,8, integrantes do projeto corredor metropolitano, de responsabilidade do poder público sofreram atrasos nos seus cronogramas e ainda não se iniciaram. O prazo previsto para entrega total é em maio. "Não minimizando a importância, mas em detrimento de 500 carros que usam esses cruzamentos, atrapalha o fluxo diário de aproximadamente 30 mil veículos e caminhões na rodovia, segundo pesquisas de campo. Nossa preocupação é com o bem estar do motorista e do pedestre da nossa rodovia, pois

desde quando começou a obra, houve aumento de 35% de acidentes no cruzamento da rodovia com Rua Jorge Tortato e 42% na Rua Vereador Ângelo Burbelo. Se não há providência do poder público, o melhor a ser feito é fechar estes cruzamentos", disse o diretor superintendente da Autopista Planalto Sul, Antônio Cesar Ribas Sass. Segundo fontes da concessionária Autopista Planalto Sul uma ação popular reivindica o não fechamento das barreiras que dividirão as pistas duplas, nos dois sentidos. Entre os interessados da ação estão moradores do Caximba e os responsáveis pelo Posto Pelanda 16 que entre outras alegações entendem que terão prejuízos na lanchonete, pois os freqüentadores, moradores de Fazenda Rio Grande, teriam dificuldades para acessar o posto. "Infelizmente a Justiça às vezes é muita lenta nas decisões, mas temos que pensar muito mais no coletivo, do que o benefício de uma das partes. O prejuízo causado pela não liberação da BR é enorme e atinge há mais de 20 anos milhares de fazendenses. A população não entende porque não está liberado e todos os dias vivemos essa angústia, dentro dos ônibus, parados na fila e como gestor, pedimos um olhar rápido da Justiça e de todos os envolvidos para uma solução o quanto antes", finalizou o prefeito de Fazenda Rio Grande, Marcio Wozniack.


04

RMC

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

Cartório Postal oferece serviços para bancos

Nos compromissos do dia a dia, cada vez mais se valoriza a conveniência e a praticidade para ter acesso a produtos e serviços. Com a sensação de que o relógio passa cada vez mais rápido e os trabalhos acumulando, muitas vezes perdem-se prazos para fechamento de negócios e outros serviços que necessitam de documentos e vias de contratos, invariavelmente, distantes das mãos. O Cartório Postal surge para agilizar os negócios e apresenta um mix de serviços direcionados para pessoas físicas e jurídicas com soluções para facilitar e simplificar a aquisição de documentos. Atualmente conta com uma rede de franquias com mais de 261 unidades espalhadas por todo o Brasil, garantindo a capilaridade de sua atuação e mantendo a excelência do atendimento. Oferece especialmente às agências bancárias serviços personalizados de intermediação cartorária com retirada e entrega de documentos em horário marcado e

preços diferenciados. Confira alguns dos serviços para os bancos: • Certidões para Hipoteca; • Baixa de Hipotecas; • Certidões para Crédito Imobiliário e Montagem da Pasta Pronta; • Registro de Contratos; • Encaminhamento contratos para registros nos cartórios; • Protesto de Títulos em todo Brasil; • Resgate de Cheques Fraudados e Reabilitação de Crédito; • Notificação via cartório de registro de imóveis, entre outros. Vale ressaltar que todos os serviços podem ser faturados. Conheça as vantagens e descubra tudo o que o Cartório Postal, com mais de 20 anos de atuação no mercado, pode fazer por você. Serviço: Cartório Postal - Rápido e fácil - Rua França, 200 - Fazenda Rio Grande - Telefone: (41) 30601202

Secretário de Obras de FRG acompanha implantação de novas calçadas O secretário de Obras de Fazenda Rio Grande, Odair José dos Santos se reuniu nesta semana com o prefeito Marcio Wozniack e o representante da empresa CDC, para assinar a Ordem de Serviço para a execução das obras de pavimentação das ruas Rio Amazonas e Rio Pequeno. Além do anúncio dessa obra que deve iniciar em alguns dias, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Obras tem realizado outras de calçamentos. "Em continuidade a obras que vem acontecendo por toda Fazenda

Secretário Odair dos Santos fiscaliza obras do novo calçamento

Rio Grande em asfalto, rede de esgoto, estamos executando agora o calçamento nas vias que irá beneficiar milhares de mora-

Vereador Silvestre da DBS discute projeto Lar do Idoso na Assembleia Legislativa Deputado Buhrer, vereador Silvestre prefeito Marcio e secretário de Finanças Claudemir Andrade

O vereador de Fazenda Rio Grande, Silvestre da DBS esteve na última quarta-feira na Assembleia Legislativa do Paraná em reunião com o deputado estadual Francisco Buhrer para discutir o projeto Lar do Idoso. E a visita do vereador foi extremamente positiva. "Tivemos a felicidade de receber ótimas notícias. Nessa reunião, participou ainda o presidente da Assembléia, o deputado Valdir Rossoni que anunciou a liberação de aproximadamente R$ 2 milhões para asfaltamento da Rua Rio Xingú. As obras devem ser iniciadas já nos próximos dias, o

que trará mais qualidade de vida as pessoas que lá residem.Tudo isso se dá graças ao grupo que está trabalhando em benefício de Fazenda Rio Grande", destacou o vereador Silvestre. Silvestre destacou o empenho dos parlamentares e do governador Beto Richa em dar atenção especial a Fazenda Rio Grande nos últimos anos. "Quero parabenizar o prefeito Márcio Wozniack, o governador Beto Richa e também os deputados Francisco Bührer e Valdir Rossoni pelo empenho que tem demonstrado em prol de nosso município", finalizou.

dores, com segurança aos pedestres e melhoria na urbanização da cidade", disse o secretário Odair Santos. Entre as obras de cal-

çamento está a Rua Manoel Claudino que faz a ligação para a UPA 24 Horas e fica entre as ruas Rio Eufrates e Francisco Claudino. Outras obras também estão sendo executadas em frente ao Colégio Estadual Anita Canet e outra na Travessa Rio Adelaide. As novas calçadas também estão sendo executadas nas ruas Rio Cerne e Rio Ivaí, em frente ao cemitério. Nos próximos dias serão iniciadas também obras na rua Rio Xingu, perto do Jóquei Clube.

Parceria beneficia funcionários com bolsa de estudo A Secretaria de Saúde de Fazenda Rio Grande em parceria com algumas escolas técnicas, disponibilizaram aos servidores do município, oito bolsas de estudo, sendo seis bolsas para o curso Auxiliar de Enfermagem e duas para o curso Técnico em Enfermagem. Participaram da seleção, todos os funcionários municipais que tiveram interesse em concorrer às bolsas. A seleção dos estudantes foi coordenada pela Atenção Básica e executada mediante sorteio realizado pela Secretaria de Saúde. O aluno bolsista que não mantiver 75% de frequência no curso perderá o benefício, sendo que ocorrendo tal situação será informada imediatamente a Secretaria de Saúde, ficando o bolsista sem direito a continuar no curso. Segundo Ana Elisa Peixoto, secretária municipal

interina de Saúde, o fortalecimento dessa parceria se deve também ao convênio entre a Prefeitura de Fazenda Rio Grande e algumas escolas técnicas de enfermagem onde a Prefeitura do município abre as portas às escolas no campo de estágio, podendo seus alunos se utilizarem deste benefício. Em contrapartida, as escolas disponibilizam as bolsas para os servidores interessados em se aperfeiçoar ou iniciar na área.


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014

Como garantir baixas tarifas acessíveis sem comprometer a qualidade dos transportes? Nesta época do ano, mais uma vez a questão das tarifas de transportes públicos ganha espaço nos debates na mídia e no dia a dia das pessoas. A verdade é que o assunto, propositadamente ou não, sempre foi tratado de forma superficial. Quando se fala em tarifa, logo se pensa em lucro para empresários do setor de transportes. É certo que a lucratividade dos donos das companhias de ônibus e outros modais têm de ser levada em consideração. Afinal, sem retorno financeiro e segurança econômica uma empresa, pública ou estatal, não tem como investir nas melhorias necessárias para os passageiros. Mas tarifa de transporte público é muito mais que financiamento da mobilidade e sim uma questão de justiça social. Todos sabem que pelos transportes públicos, a população tem acesso a direitos como emprego e renda, saúde, educação e lazer. No entanto, hoje especialistas garantem que o transporte público não deve ser encarado apenas como acesso a estes direitos, mas na formulação de políticas públicas, nações mais desenvolvidas consideram os transportes

como parte dos outros direitos do cidadão. E isso faz toda a diferença já que permite um financiamento mais justo por parte do Estado. O transporte não dá acesso somente a educação, mas faz parte dela. O transporte não só permite que as pessoas consigam chegar ao médico ou frequentar outros tratamentos de saúde, mas garante que tais serviços na área sejam oferecidos à população. Hoje, nos modelos aplicados na maior parte das cidades brasileiras, são basicamente duas opções de financiamento dos transportes: ou o passageiro assume todos os custos sozinho, inclusive os das gratuidades, ou então os governos (municipal ou estadual) injetam diretamente dinheiro para subsídios nos sistemas. Em modelos de financiamento de outros países, em especial na Europa, as áreas da saúde, educação, emprego e renda e previdência têm recursos destinados aos transportes públicos proporcionalmente à serventia que o setor tem a estas áreas. De início, pode parecer uma heresia, ainda mais

num país como o Brasil, carente de serviços sociais adequados, que "saia dinheiro" da saúde e educação para os transportes. Mas esta seria uma análise muito superficial. Na verdade, não sairia dinheiro destas áreas e muito menos se trata de tirar dinheiro de escola ou hospital para ônibus. Apenas haveria o financiamento de parte do deslocamento das pessoas para que os setores de saúde, emprego e renda, educação e lazer possam de fato integralmente cumprir seu papel. Na Europa, por exemplo, na maior parte das cidades, as passagens pagas pelos usuários diretamente nos meios de transportes, só cobrem entre 15% e 45% dos custos dos sistemas de mobilidade. O restante vem de políticas de financiamento vinculadas a outras áreas essenciais beneficiadas pelos transportes. Veja que não são apenas subsídios, mas sim sistemas de custeio pelos quais todos possam contribuir de maneira justa para os transportes públicos, que trazem benefícios a toda sociedade, inclusive para quem não usa trens, metrô ou ônibus.

No final das contas, estas formas de financiamento acabam saindo mais interessantes para os cofres públicos que destinar de maneira errada vultuosas somas apenas para algumas áreas, deixando os passageiros assumirem os custos de sistemas de transportes públicos que não são eficientes como deveriam pela ausência de financiamento justo. E a ineficiência custa caro a todos. Não adianta apenas reivindicar congelamento de tarifas ou reduções sem apontar formas de custeio: salários, combustível, lubrificantes, veículos novos têm preços que são reajustados, em boa parte das vezes, com índices superiores aos da inflação oficial. Não é melhor que a saúde, a educação, a previdência, a segurança já contem com recursos que financiem parte dos custos de deslocamentos da população para seus serviços do que depois os governos terem de mexer nos orçamentos para criar subsídios? Com o transporte como parte integrante das políticas das demais áreas, não é necessário criar impostos, altos subsídios e já há uma previsão orçamentária transparente em cada uma destas áreas. Como direito social e não apenas como serviço essencial, na linha dos avanços sobre este tema no Congresso, definitivamente o transporte público não deve ser custeado apenas pelas tarifas. Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

-

RMC 05

Com frota de veículos elétricos, Curitiba dá a largada para programa de mobilidade sustentável Curitiba deu na última quarta-feira (12) um passo importante para a implantação de um programa de mobilidade urbana sustentável e para o cumprimento da meta de reduzir a emissão de gases tóxicos. Em parceria com a Itaipu Binacional, a Aliança Renault-Nissan e CEIIA (Centro para a Excelência e Inovação na Indústria do Automóvel) de Portugal, a Prefeitura lançou o projeto Curitiba Ecoelétrico, que na primeira etapa vai incorporar à frota do Município dez carros e três micro-ônibus movidos a eletricidade. Os veículos, cedidos ao município em comodato, farão de Curitiba a cidade brasileira com a maior frota de veículos elétricos em uso no serviço público. A utilização

pelo Município consistirá num projeto piloto para o aperfeiçoamento e expansão do sistema. "Como prefeito de Curitiba, sou o guardião de uma página bonita da gestão pública. Esta parceria representa a valorização da questão ambiental e o respeito ao ser humano, na medida em que a busca de alternativas menos poluentes proporciona melhor qualidade de vida para a população", disse o prefeito Gustavo Fruet. "Este é um projeto que reúne inteligência e mobilidade e que reafirma Curitiba uma cidade inovadora e sustentável", disse a vice-prefeita e secretária municipal do Trabalho, Mirian Gonçalves, responsável pela coordenação do projeto.

Bicicletas e motos terão vagas de estacionamento garantidas em Curitiba O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, assinou na última terça-feira (11) um decreto que estabelece a obrigatoriedade de implantação de área de estacionamento para motocicletas e bicicletas em prédios residenciais e áreas com usos não habitacionais, tais como comércio e serviços. O decreto assegura a proporção de 5% sobre a área mínima exigida para o estacionamento de veículos. "É mais um passo im-

portante para a valorização de novos modais. Além das vagas especiais para idosos e pessoas com deficiência, agora teremos espaços reservados também para as bicicletas", afirmou Fruet. O decreto assinado pelo prefeito regulamenta a Lei Municipal 6.273, de 30 de novembro de 1981, que dispõe sobre áreas de estacionamento de bicicletas e motocicletas em edifícios de uso habitacional e não habitacional (comércio, serviços, entre outros).


06

RMC

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

Prefeito Setim autoriza pavimentação na Vila Iná Em uma reunião realizada com a comunidade do bairro Vila Iná, na noite da última segunda-feira (10), na Igreja Evangélica Assembléia de Deus, o prefeito Luiz Carlos Setim e o secretário de Viação e Obras Públicas, Leandro Rocha, realizaram a entrega da ordem de serviço para a pavimentação definitiva da Rua Marieta de Souza e Silva e a sua continuação a Rua João Batista de Camargo. A obra autorizada foi acolhida como prioritária na região através do Programa de "Consultas Públicas" realizado e coordenado pela secretaria municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, que durante todo o ano de 2013 percorreu diferentes bairros e regiões de São José dos Pinhais. "Com o crescimento de São José dos Pinhais nos setores da indústria, do comércio e da prestação de serviços é natural que aumentem as demandas da população por mobilidade. Por isso, apesar de todos os outros serviços que estamos realizando no município, não podemos deixar de realizar também novas obras de pavimentação" disse o prefeito Setim. O trecho de 571,96 metros da Rua Marieta de Souza e Silva, localizado entre a Rua Padre Antonio Darius e o final do pavimento existente, possuí hoje 9,00 m de largura e ao final da obra terá uma largura total de 14,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 2,50m.

A obra será realizada com recursos estaduais e da própria Prefeitura, tendo um custo estimado de R$ 690.373,28. Ela ficará sob responsabilidade da empresa vencedora da concorrência pública, Andriguetto & Melrito. "Para a realização destas obras mais de R$ 7 milhões em recursos foram destinados, através da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Urbano, graças a nossa atuação e a parceria cada vez mais sólida entre a Prefeitura Municipal, através do Prefeito Setim e o governador Beto Richa" disse o deputado estadual Francisco Buhrer. Como o trabalho de medição e construção de galerias pluviais na Marieta de Souza e Silva já teve início, a expectativa é que antes do mês de setembro a obra seja entregue a população. Durante as etapas da construção o trânsito continuará passando pela via, com restrições em alguns pontos. Ainda no encontro o deputado federal Leopoldo Meyer fez questão de destacar a transformação pela qual o bairro passou nos últimos anos. "Eu lembro que antigamente a Vila Iná não dispunha de muita infra-estrutura, por isso hoje nós temos uma satisfação muito grande em observar a transformação que aconteceu aqui ao logo das primeiras gestões do prefeito Setim e da minha gestão como Prefeito Municipal. Agora com o retorno do Setim a frente do executivo municipal tenho certeza que o bairro irá prosperar ainda mais". Também estavam presentes na cerimônia de assinatura o vice-prefeito Toninho da Farmácia, secretários municipais, o vereador Ailton Fenemê, o pastor Adilson Machado e lideranças comunitárias.

Viaduto do Boqueirão estará totalmente fechada no sábado (15/2) Motoristas que pretendem fazer o trajeto São José dos Pinhais - Curitiba pela Avenida das Américas e vice-versa, pela Avenida Marechal Floriano deverão procurar um caminho alternativo no próximo sábado (15/2). O DEMUTRAN, Departamento Municipal de Trânsito da Secretaria de Transportes e Trânsito de São José dos Pinhais, informa que neste dia haverá um bloqueio total de via no trecho da ponte sobre o rio Iguaçu e seu canal extravasor das 6 às 20 horas. O motivo é a realização de içamento de vigas para ampliação da ponte sobre o canal extravasor paralelo ao Rio Iguaçu, no final da Avenida Marechal Floriano quase na divisa de Curitiba com São José dos Pinhais. Neste dia os condutores deverão procurar outros acessos: Avenida das Torres, BR 277, Contorno Leste, ou Estrada da Balsa, pela Cachoeira. Caminhos alternativos A Secretaria Municipal de Trânsito de Curitiba (Setran) informa que com os bloqueios, os condutores que seguem pela pista len-

Obras nas vias de acesso a São José dos Pinhais irão obrigar motoristas a procurar caminho alternativo neste sábado

ta sentido São José dos Pinhais da Av. Marechal Floriano Peixoto deverão fazer desvio pelas ruas Pastor Carlos Frank e Zonardi Ribas (antes do Terminal do Boqueirão) para acessar a Rua Dr. Bley Zorning. Os motoristas que trafegam na região do Boqueirão e do Alto Boqueirão devem utilizar as ruas Maestro Carlos Frank e Zonardi Ribas (próximo ao Terminal do Boqueirão) para acessar a Rua Dr. Bley Zorning. Faixas suspensas Serão colocadas faixas

em seis pontos da região para alertar os motoristas, com os dizeres: "Viaduto da Av. Mal. Floriano Peixoto totalmente bloqueado, sábado dia 15/02/2014, das 6h às 20h. Acesso a São José dos Pinhais pela Av. Com. Franco. Acesso ao Zoológico pela Rua João Miqueletto". As faixas estarão nos seguintes locais: - Rua Italino Peruffo rótula do Terminal do Carmo; - Rua Waldomiro Loureiro Campos, após o cruzamento com a Rua Ten.

Francisco Ferreira Souza (próximo ao Terminal do Carmo); - Av. Marechal Floriano Peixoto, após o cruzamento com a Rua José Hauer; - Av. Mal. Floriano Peixoto, antes do cruzamento com a Rua Diogo Mugiatti; - Rua Maestro Carlos Frank, após o cruzamento com a Rua Cel. Vilagran Cabrita; - Rua Maestro Carlos Frank, próximo ao Portal Plaza Shopping e ao Terminal do Boqueirão.

Setim pede melhorias para acesso ao São Marcos O prefeito Luiz Carlos Setim esteve reunido com representantes da OHL Autopista Litoral Sul e Polícia Rodoviária Federal para pedir providências na melhoria quanto ao trânsito e acesso aos bairros São Marcos, Jardim Carmem e Aquarius. Nos últimos dias, a concessionária fez intervenções no trânsito, como a inversão de fluxo na trincheira , o que acabou trazendo lentidão e tumulto principalmente para os moradores. Durante a reunião com Setim, representantes da concessionária assumiram o compromisso de imediatamente melhorar as condições do trânsito, com mais sinalização, reabertura do retorno do Barro Pre-

Representantes da concessionária assumiram o compromisso de melhorar as condições do trânsito

to (fechada durante a operação praias para evitar acidentes) e mudança nas preferenciais da trincheira no São Marcos. O prefeito solicitou ainda a possibilidade de reabertura do acesso da BR na altura do Posto o Cupim, o que segundo os represen-

tantes da OHL não será possível devido à legislação nacional e orientação da ANTT (Agência Nacional dos Transportes Terrestres), pois todo acesso precisa de uma pista de desaceleração, que neste caso foi transformada na terceira pista da BR 376 daquele trecho.

Acompanharam o prefeito na reunião o secretário de Trânsito e Transporte Adriano Mühsltedt e o diretor do Departamento de Trânsito Eduardo Umbria. Acesso aos Bairros Quem está na BR 376 e precisa acessar os bairros São Marcos, Aquarius, Jardim Carmen e Campo Largo da Roseira (via Rua Antonio Singer) deve ficar atento: a única entrada é logo após a ponte sobre o Rio Miringuava, na marginal São Marcos, pois as demais entradas dessas localidades foram fechadas. Logo, quem passar a entrada da Marginal São Marcos deverá seguir pela BR 376 até a entrada para a Volkswagen para realizar o retorno.


RMC 07

A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Linha de crédito já beneficiou mais de 80 empreendedores em Pinhais

Quatro Barras lança Calendário do Roteiro Turístico Caminhos Históricos da Serra

Em 2010 Pinhais passou a contar com o Banco Social, uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Pinhais que oferece os benefícios do empréstimo facilitado para microempreendedores, formais e informais, ou para pequenas empresas em expansão que precisam de capital de giro ou aquisição de novos equipamentos. No ano passado ele foi sucedido pelo Banco do Empreendedor, que, dentre outras vantagens, ampliou os limites de crédito para empréstimos. Desde que a iniciativa está disponível no município mais de 80 empreendedores conseguiram adquirir o benefício. Os sócios Eugênio Romaniow, Zanon Romaniow e Aglair Camati, são prova de que uma ajuda financeira vinda no tempo certo pode fazer toda a diferença quando o assunto é investimento. Durante muito tempo os três foram funcionários de uma empresa,

Calendário: Prefeitura lança calendário com imagens selecionadas no Concurso de Fotografias Caminhos Históricos da Serra

Empreendedores se beneficiam com linhas de crédito

e agora os proprietários da empresa Único Contabilidade falam da satisfação de conquistar o próprio negócio. "Nós tínhamos o capital intelectual, nos faltava o dinheiro para toda a parte estrutural, de equipamentos, foi então que conhecemos o Banco do Empreendedor, o que possibilitou a concretização do nosso

sonho", revela o empresário Eugênio Romaniow, ao lado dos sócios. Assim como eles outras histórias se entrelaçam. Uma realidade é que não existe idade para se tornar um empreendedor de sucesso. Aos 20 anos de idade, Leirely Marry - sobrenome que também dá denominação ao seu ponto comercial

- vendia roupas de porta em porta, e o carro era sua vitrine. "Estou muito feliz, ter minha loja só trouxe vantagens. Agora aceito cartão, passo mais credibilidade e confiança aos clientes, já que eles sabem onde me encontrar. Melhorou muito", conta a jovem. "Com certeza indico o Banco do Empreendedor", completa.

Estão abertas as inscrições para o Passeio Ciclístico de Pinhais O tradicional Passeio Ciclístico marcará novamente as comemorações do aniversário de Pinhais, este ano o evento ocorrerá no dia 9 de março. Com percurso já definido, a concentração para a largada será no Bosque Municipal de Pinhais. A inscrição é gratuita, confira como efetuá-la e participe com toda sua família. Todos os anos um grande público participa da ação, são grupos de ciclista, de outras entidades re-

presentativas, além da comunidade em geral, reunidos em um momento de muita alegria, aliado à prática de atividade física. "É

uma iniciativa que pretende, principalmente, atentar para a importância do hábito de pedalar, não só em um dia, mas todos os dias.

Além disso, comemoramos o aniversário da cidade de uma forma saudável", ressalta André Luis Pscheidt de Lima, do Departamento de Esporte e Lazer. Percurso A concentração está marcada para as 9h no Bosque Municipal de Pinhais, para que às 10h seja dada a largada. O Passeio Ciclístico passará pelos bairros Estância Pinhais, Centro e Jardim Alto Tarumã. A distância do percurso é de aproximadamente 7 km, e o ponto de chegada é o Bosque Municipal Bordignon. Os ciclistas passarão, na ordem citada, pelas seguintes vias: Rua 24 de maio, Rua Frei Egídio Carlotto, Rua 22 de abril, Avenida Camilo Di Lellis, Avenida Jacob Macanhan, Rua Cascavel, Rua Jacarezinho, Avenida Miguel Ostrufka, Rua Enedina Irael da Rosa.

Quatro Barras lançou em janeiro o Calendário 2014 "Roteiro Turístico Caminhos Históricos da Serra", para divulgar seus atrativos e estimular a visitação nos pontos turísticos do município. O material é fruto do Concurso de Fotografias realizado em 2013 pela Prefeitura, que buscou captar novos olhares sobre os atrativos naturais, culturais e turísticos da cidade. Através do concurso, foram inscritas mais de 150 imagens do roteiro que concorreram a prêmios, das quais 12 hoje ilustram as páginas do calendário. Ao longo do material, é possível ver as fotografias "Manhã Serena", de Valter Molinari; "Paiol do Lago", de Rodrigo Secchi; e "Belem bem bom", de Saulo Goll Kudla - que conquistaram os três primeiros lugares do concurso. Além delas, também podem ser vistas as fotos "Amanhecer em Liberdade" e "Monte Iluminado", de Valter Molinari; "Estrada do Corvo", de Renato dos Santos; "Vista da Capela de São Pedro", de Gean Vinicius Rodrigues de Oliveira; "Parede de Pedra", de Vanessa Kolodziey; "Marumbi Dourado", de Adriana Mazur; "Rio Pinhal", de Vanessa Kolodsziey; "Águas límpidas e cristalinas que contornam as pedras", de Bruno Oliveira da Silva; e "Homem de Pedra", de Vanussa Popovicz. As fotografias foram avaliadas em dezembro do ano passado por um cor-

po técnico de jurados, composto pelo repórter fotográfico da Gazeta do Povo, Marcelo Andrade; pelo diretor de Marketing da Secretaria de Estado do Esporte e do Turismo, Rodrigo Swinka; pela assessora de Marketing da Paraná Turismo, Priscila Polatti; pelo artista plástico Eduardo Lorenzini; pelo artista plástico e cartunista Enéas Ribeiro Correa; e pelo diretor do Jornal União, Elízio Siqueira. O prefeito de Quatro Barras, Loreno Tolardo, disse que a iniciativa é uma forma de valorização e divulgação do potencial turístico da cidade. "O calendário é mais uma ferramenta para incentivar este setor que está crescendo, valorizar nossos atrativos e mostrar às pessoas as belezas que Quatro Barras oferece. Acreditamos muito no potencial do município e queremos valorizá-lo continuamente", disse. Serviço Mais informações sobre os calendários ou sobre o Roteiro Turístico Caminhos Históricos da Serra podem ser obtidas no Departamento de Turismo, pelo telefone: (41) 3671-8850 ou pelo e-mail smt@quatrobarras.pr.gov.br


08

Política

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

CONEXÃO RMC Por Ricardo Miranda

Por mais centros de especialidades médicas Um dos pontos mais delicados na administração pública nas cidades da Região Metropolitana de Curitiba é a gestão da Saúde. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba, cerca de 30% do total de consultas especializadas feitas na capital paranaense são destinadas a pacientes não residentes na capital. As unidades de saúde localizadas em bairros próximos aos municípios da RMC como Boa Vista (perto de Pinhais/Quatro Barras/Campina Grande do Sul) e Pinheirinho (Fazenda Rio Grande/ Mandirituba), por exemplo, tem um movimento alto justamente por atender os moradores da capital e da metrópole. O ideal é de que cada cidade tivesse plenas condições financeiras e de infra-estrutura para atender seus moradores. Mas, infelizmente, essa não é a realidade. E não só aqui. Todos que um dia já precisaram de atendimento médico do SUS comprovaram o quanto o sistema é deficitário em todo País. Conseguir uma consulta médica com especialista, um simples exame, exige muita, mas muita paciência. Não à toa somos

chamados de pacientes... Mas, voltando ao foco das dificuldades administrativas deste setor, as administrações municipais, com dificuldades financeiras de orçamento, lutam diariamente para manter o hospital de suas cidades, o corpo médico e todos os profissionais envolvidos. Percebemos que faltam investimentos para construções de Centro de Especialidades Médicas na RMC e até Pronto Socorro que desafogaria o atendimento em Curitiba. A maior metrópole do Paraná, com 3,2 milhões de moradores, teria que ter mais hospitais disponíveis, pois hoje tudo se concentra em quatro ou cinco grandes unidades hospitalares em Curitiba. Se tivéssemos ao menos mais quatro Centros de Especialidades Médicas, funcionando em cidades estrategicamente selecionadas dentro da região, diminuiria a dependência pelo atendimento na capital. Ricardo Miranda é empresário e formado em Direito e Administração com Especialização em Gestão Imobiliária.

Deputado Toninho viabiliza recurso para reforma de unidade de saúde em Rio Negro Foi reinaugurada na última terça-feira, dia 11 de fevereiro, a unidade básica de saúde Rubens Antônio Zageski, na comunidade São Judas Tadeu, em Rio Negro. A obra foi feita com recurso federal viabilizado através da parceria do deputado estadual Toninho Wandscheer (PT) com o Governo Dilma. No evento, representando o deputado e o Governo Federal, compareceu o chefe de gabinete Roberto Androukovitch. Esteve presente também Alisson Wandscheer, filho de Toninho.

Alisson Wandscheer representou o deputado na entrega da US em Rio Negro

Na oportunidade, o chefe de gabinete, Roberto Androukovitch, elogiou o prefeito pela nova unida-

de de saúde. "No momento em que muitas prefeituras passam por dificuldades financeiras vemos Rio

Negro avançar e construir uma obra que vai de encontro à necessidade da população", disse Roberto. O prefeito de Rio Negro, Milton Paizani, comemorou a conquista e ressaltou que, graças à reforma da unidade de saúde, a população poderá ser mais bem atendida. "Nós conseguimos entregar à população uma obra bonita, bem construída pelo Governo Federal, através do deputado Toninho, que tem sido um grande parceiro de Rio Negro", disse Paizani.

Liberação de financiamento corrige injustiça contra o Paraná, diz Richa O governador Beto Richa afirmou na última quarta-feira (12) que a liberação dos recursos do Programa de Apoio ao Investimento dos Estados e Distrito Federal (Proinveste), garantida por liminar do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), corrige uma injustiça que vinha sendo imposta ao Estado e que atingia a todos os paranaenses. "A determinação do STF fortalece o Paraná. O Estado terá aporte de R$ 817 milhões para investimentos na melhoria da infraestrutura, nos municípios e em segurança pública", afirmou o governador. "Vamos fortalecer estas áreas, com obras e programas essenciais para o desenvolvimento econômico e social, com repercussão di-

reta nas condições de vida dos paranaenses. Foi para isso que lutamos tanto pela liberação destes recursos", disse Richa. O Proinveste é uma linha de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), operacionalizada pelo Banco do Brasil, destinada a ampliar a capacidade de investimentos dos Estados. O Paraná pleiteava a liberação do financiamento há quase três anos e era o único que ainda não tinha a autoriza-

ção para acessar os recursos. Na última quarta-feira, o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, reconheceu o direito do Estado e concedeu liminar em ação impetrada pelo governo estadual solicitando a liberação. Infraestrutura O Governo do Estado está com 17 obras e 15 projetos rodoviários aguardando recursos do Proinveste. O valor total do investimento é de R$ 430,6 milhões para intervenções em 907 quilômetros de estradas estaduais. Segurança Pública A melhoria da infraestrutura da Segurança Pública, principalmente na região Metropolitana de Curitiba e Litoral é a outra área que receberá investimentos com os recursos do Proinveste. Serão executados pro-

jetos de modernização do Sistema de Identificação Civil e Criminal do Instituto de Identificação; reestruturação de unidades da Polícia Civil e de cinco unidades do Instituto Médico Legal; além de melhorar os serviços de atendimento do Instituto de Criminalística. Apoio aos municípios Richa ressaltou que parte dos recursos será usada para potencializar a capacidade de financiamento de obras nos municípios, por meio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Serão R$ 200 milhões para financiar construção, ampliação, reabilitação ou reformas de creches, hospitais, estradas, pontes e viadutos. "Isso reforça o caráter municipalista do nosso governo", afirmou o governador.


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

RAFAEL CAMPANER Diretor da Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Fazenda Rio Grande

Édelis Martinazzo Dallagnol Médica Veterinária, M. Sc.

Logística reversa abre novas oportunidades para o setor A economia aquecida e o consumo em alta movimentam o País, criam emprego e renda, mas também acabam gerando um volume crescente de lixo e detritos que despertam uma dúvida cada vez mais comum entre os moradores dos centros urbanos: onde descartar uma televisão, um computador, uma geladeira ou uma bateria de celular? Para organizar essas questões foi criada a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que trata, entre outros pontos, da logística reversa, ou seja, como fazer para que o que não é mais utilizado seja resgatado e passe por processos de reaproveitamento, operação que deve abrir novos negócios para a cadeia logística. Segundo a PNRS, os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes de agrotóxicos (seus resíduos e embalagens), pilhas e baterias, pneus, óleos lubrificantes (seus resíduos e embalagens), lâmpadas fluorescentes, de vapor de sódio e de mercúrio e de luz mista e produtos eletroeletrônicos e seus componentes são

obrigados a estruturar e implantar sistemas de logística reversa. Os prazos para isso acontecer ainda estão em discussão. Alguns desses resíduos, como é o caso de agrotóxicos, pneus, óleos lubrificantes, pilhas e baterias já possuem iniciativas em operação por terem normas específicas sobre manuseio, descarte e transporte. No entanto, a implantação da logística reversa enfrenta uma série de gargalos. A falta de integração de processos logísticos entre os atores envolvidos na gestão de resíduos - fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes - para estruturar os canais reversos, ou seja, os pontos de descarte e os sistemas de coleta e distribuição dos resíduos conjuntamente. É nesse ponto que devem surgir oportunidades de negócios para os operadores logísticos. As empresas necessitam encontrar formas de coletar, triar e distribuir esses itens de uma maneira eficiente e economicamente viável. Também é importante ressaltar que, de acordo

Meio Ambiente 09

com a PNRS, além da responsabilidade atrelada às pessoas físicas e jurídicas ligadas à fabricação, importação, distribuição, comercialização, limpeza e manejo, cabe também aos consumidores, desde que estabelecido o sistema de coleta seletiva ou de logística reversa, a responsabilidade pela correta segregação e disposição dos resíduos sólidos. Neste sentido, um aspecto importante é a questão da educação ambiental que deve ser realizada com consumidores e demais envolvidos no processo de revalorização, para que o nível de qualidade dos resíduos e também a quantidade coletada aumente. No Município de Fazenda Rio Grande a Coleta Seletiva acontece uma vez por semana em todos os bairros da zona urbana e, todo material coletado é destinado para a Associação de Catadores do Município, podendo a população entregar estes materiais diretamente no endereço da Associação: Av. Brasil, 1846 - bairro Eucaliptos. Fonte: transporteelogistica.terra.com.br

Pesca predatória A pesca é um misto de arte com prática laboral, de lazer e atividade econômica. Em todo mundo os povos a praticam, cada qual a seu modo. O Brasil produz (captura peixes suficientes para) cerca de um terço do consumo nacional; o restante é importado de países como Portugal, Noruega e Suécia, Japão, Estados Unidos, Canadá e Chile. A pesca brasileira ainda é muito artesanal, se comparada aos métodos e equipamentos desses países; mesmo assim, é das mais devastadoras às espécies, à fauna aquática. Tem-se no país a cultura da pesca predatória. Poucos pescadores respeitam as leis que falam de período de pesca, tamanho dos peixes capturados, espécies permitidas, etc. Por exemplo: é possível alimentar uma família de cinco membros com apenas um cacharra de tamanho permitido, e sobra comida; mas, se fosse um cacharra pequeno, seriam necessários vários peixes para alimentar essas mesmas pessoas. Vale dizer: quando não se obedece a lei sobre a medida do pescado, prejudica-se demais a fauna aquática. Quando da lufada - fenômeno característico do Pantanal (bioma único no mundo, existente nos Estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul), em que os peixes saem das lagoas para os rios -, mesmo que usem somente de instrumentos de pesca permitidos (caniços, molinetes, carretilhas), os pescadores produzem grandes baixas nos cardumes que, depois, empreenderão a piracema (subirão de volta, desovar nas lagoas). Nestas ocasiões (lufada e piracema), há pesca de rede como prática costumeira, embora proibida pela lei. Acontece em todo o Pantanal (nos rios Miranda, Coxim, São Lourenço, Cuiabá, Taquari, entre outros) e em parte da bacia amazônica. Os órgãos ambientais não conseguem fiscalizar toda essa grande área e, onde conseguiriam, veem-se relatos jornalísticos sobre corrupção e "jeitinho brasileiro", frutos da incultura e do desrespeito à natureza. A pesca predatória é ainda mais terrível quando praticada às claras, ou quando não afronta a lei. "Às claras" quando acontece em locais

extremamente fiscalizados, como a Baía de São Francisco, em que no defeso do camarão (período de novembro a março, em que é proibido pescar determinadas espécies de camarão) as redes costumam ser armadas; quando não, os arrastos acontecem à vista de todos. Há quando esta pesca predatória não afronta a lei: na região de Florianópolis, nos meses da virada do ano, pesca-se o camarão branco (legítimo ou pistola), sem qualquer vedação legal e, no entanto, neste período, as larvas dos camarões sete-barbas e rosa caem no arrasto. Para cada quilo de camarão branco (em média, vinte e cinco indivíduos), são capturados cerca de quarenta a cem quilos de larvas (mais de um milhão de indivíduos) que morrem e não chegam ao aproveitamento. Isto é depredação. E mais: a rede camaroeira lançada legalmente (fora do período de defeso) também apresa e mata centenas de alevinos de robalo, linguado, anchovas, entre outras espécies de peixe. Não há como classificar-se essa pesca senão como predatória, embora legal. Para além da perda quantitativa da fauna aquática (número de peixes, camarões, etc.), tem-se a perda qualitativa, que diz respeito à variabilidade genética, a qual responde pela capacidade das espécies de se adaptarem ao meio e às mudanças climáticas, possibilitando não serem extintas. Isto é particularmente importante, em razão das mudanças climáticas, porque boa parte da alimentação humana e da indústria de medicamentos depende da fauna aquática. Portanto, a pesca predatória, seja aquela permitida ou a proibida pela lei, precisa ser combatida. A educação popular sobre a preservação dos recursos naturais tem especial importância. Além disso, o Poder Público pode atuar com efetividade para a preservação ambiental, por meio de políticas públicas que incentivem práticas adequadas, de modo a preservar-se a biodiversidade para as atuais e futuras gerações. E, por este motivo, o principal papel que nós, o povo, temos, continua sendo o de maior responsabilidade: o voto consciente!


10

Brasil

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

Indústria do Paraná teve o segundo maior crescimento do País, em 2013

Com a palavra Osman Cauê Carvalho Jorge - Professor de Geografia e Coordenador de Marketing

Primeiros dias de aula: um trauma desnecessário

Quando você trabalha na equipe pedagógica de qualquer instituição de ensino, é muito comum deparar-se com pais no portão da escola com seus filhos agarrados às suas pernas e chorando. Engana-se quem imagina que essa situação de desconforto com uma escola nova, colegas novos, professores novos e ano letivo novo é um problema que ocorre apenas na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Com a "galerinha" mais velha do Fundamental e até no Ensino Médio essa situação também é percebida, porém os pais não estão ali, no portão da escola, para amparar a criança ou o adolescente. Uma das mudanças mais significativas ocorre para os alunos que estão chegando ao 6º Ano do Ensino Fundamental. Se anteriormente era apenas uma professora para a maioria das disciplinas, agora são vários professores, mais disciplinas e menos tempo. Se desde o início do processo o aluno for alimentado com informações negativas, do tipo "Não pode vacilar agora, hein?" ou ainda

"Agora é mais difícil, não vá reprovar!" ele (o aluno) irá nutrir uma angústia e uma incerteza sobre o novo processo pelo qual irá passar. Nessa fase o importante é lembrar o aluno que serão novas experiências, novas amizades, professores bacanas e mais chances de aprender coisas novas. Para os pais que ainda tem o problema com o choro e a recusa de seus filhos de seguirem com a turma e com a professora ou professor para a sala de aula não caia em armadilhas, como oferecer uma recompensa para que o aluno acesse a escola. Na cabeça da criança isso vai significar que no momento em que ela recusar a recompensa ela não irá para a escola. Deixe claro para a criança que ir para a escola, ter aulas, fazer novas amizades e aprender é um processo tão natural e obrigatório quanto respirar e comer (exagero do autor, me desculpe). Só assim ela vai aceitar e compreender (ou seja: aprender em conjunto com você) que frequentar a escola é natural, superando assim um possível trauma.

O setor industrial paranaense apresentou o segundo maior crescimento do País em 2013, conforme indica a Pesquisa Industrial Mensal Regional - Produção Física (PIM-PF), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A produção industrial do Estado evoluiu 5,6% de janeiro a dezembro, contra evolução de apenas 1,2% para a indústria nacional. Foi a segunda maior taxa do país neste indicador. Especificamente em dezembro de 2013, o setor industrial paranaense evoluiu 5,4% na comparação

com o mesmo mês de 2012, enquanto que o complexo nacional apresentou retração de 2,3%. Na comparação do último trimestre do ano de 2013 com o mesmo período do ano anterior, a evolução foi de 10,5% - segunda maior taxa do País, enquanto o resultado nacional foi de -0,3%. Conforme a pesquisa IBGE, o único indicador negativo foi da passagem de novembro para dezembro, em que o setor industrial paranaense apresentou recuo de 7,3%, frente queda de 3,5% para o Brasil. Onze

dos quatorze locais investigados apontaram redução. "As estatísticas do IBGE revelam consistente recuperação dos níveis da produção fabril do Paraná, desde o mês de abril de 2013, em sentido oposto ao baixo crescimento registrado pela indústria nacional", afirma a economista Ana Silvia Martins Franco, do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (IPARDES). Segundo ela, tal performance vem sendo determinada por diversos fatores, especialmente o agronegócio, fruto da safra recorde e dos

preços ainda elevados no mercado internacional, além do bom desempenho dos setores de química, bens de capital e insumos para a construção civil. "Ressalte-se ainda, a interferência positiva dos primeiros efeitos dos investimentos das empresas que se instalaram no Estado desde o início de 2011, atraídas pelo Programa Paraná Competitivo, com aportes de cerca de R$ 26 bilhões, da vitalidade do mercado de trabalho regional e das obras de infraestrutura, em execução pelo governo estadual", diz Ana Sílvia.

Balança Comercial Apesar dos números preocupantes desse início de ano a balança comercial vai ter um superávit em 2014 e ele deve se aproximar de 20 bilhões de dólares, algo que o mercado financeiro não está prevendo. As melhores estimativas falam de oito bilhões de dólares de superávit. O grande responsável vai ser a valorização do dólar, que deve aumentar para o patamar de três reais. Com a mudança de dois reais para 2,5 reais por dólar, alguns segmentos da nossa exportação já demonstram uma pequena recuperação. Mas o principal impulso das nossa exportações será o aumento do valor das exportações agrícolas. Os preços internacionais vão retomar o crescimento. As estimativas do consumo de produtos agrícolas são muito otimistas. O crescimento das importações da China já está mudando a direção dos preços. Apesar da boa produção norte-americana e das previsões de aumento da produção da América Latina, a demanda chinesa não será atendida. Os estoques mundiais vão cair bastante. Estoques baixos fazem os preços subirem. É o que deve ocorrer no segundo semestre. Até lá o

mercado vai caminhar de lado, muito desconfiado com relação ao que está acontecendo. Por outro lado vamos ter algumas quebras na produção. A seca que atinge a América Latina ainda não foi avaliada adequadamente. É bem provável que as perdas sejam bem maiores do que estão sendo estimadas. O tempo está muito mais quente e seco do que o esperado. Dentro de dois meses teremos uma previsão mais confiável da safra latino americana. A crise econômica na Argentina introduz uma nova variável de incerteza. Os produtores argentinos estão muito relutantes em comercializarem a sua safra. A desvalorização muito intensa da sua moeda assusta. Eles não querem ter pesos nas suas mãos, preferem ter as suas reservas em soja, milho e trigo. Quando precisam de dinheiro vendem o mínimo necessário, o que deve atrasar a entrada da safra argentina no mercado mundial. Com todas essas incertezas os preços devem aumentar bastante. O cenário é muito positivo para o segundo semestre. A previsão atual é de uma nova grande safra norte-americana. Se acontecer qualquer im-

previsto os preços devem disparar. Mas a balança comercial não é feita só com produtos agrícolas. Tem também a importação de alguns itens que pesam muito. Após três anos de estagnação, a produção de petróleo brasileira volta a crescer, o que deve diminuir as importações de combustíveis e reduzir o déficit da conta petróleo. Mesmo a exportação dos produtos industriais tradicionais deverá aumentar por causa da desvalorização do real. Os novos patamares devem tornar os produtos brasileiros competitivos no mercado internacional, principalmente os itens industriais ligados à nossa agricultura como máquinas agrícolas e caminhões. As escalas de produção aumentaram muito no Brasil nos últimos anos, reduzindo o custo de produção. A competitividade desses produtos no mercado internacional aumentou muito. A grande incógnita será a indústria automobilística. Hoje os preços no mercado brasileiro são muito maiores que no mercado internacional. Com o dólar a três reais essa realidade muda totalmente. Com preços competitivos

a atratividade aumenta. A escala de produção da indústria automobilística no Brasil já é bem grande. Somos o quarto mercado de consumo no mundo. O desafio é ver se os modelos produzidos no Brasil são atrativos em outros mercados. Os principais mercados serão os outros países em crescimento, que tem realidade muito parecida com o Brasil. Como esses países devem melhorar as suas economias em função da valorização das commodities, existe uma boa oportunidade de aumentarem as exportação de automóveis. Produtos tradicionais da pauta de exportação como outras commodities não agrícolas também poderão voltar a ser competitivas. Todo esse cenário favorável não está sendo adequadamente avaliado pelo mercado financeiro nacional, que está muito assustado com o aumento da crise europeia. No passado sempre que a crise atingia os países ricos o Brasil entrava em colapso. Dessa vez vai ser diferente. A crise nos países ricos vai ser uma grande oportunidade de crescimento da nossa economia e da nossa balança comercial. (CG)


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Europa em Pé de Guerra As notícias que estão vindo da Europa são muito preocupantes. Lembram muitos momentos da década de 30 do século passado. O resultado foi a 2ª Guerra Mundial. Pensar que as ações atuais levem a uma nova grande guerra é ter uma imaginação muito ativa. Mas as condições de convivência entre os países europeus devem piorar muito nos próximos anos. Velhas rivalidades voltarão à tona. Os piores momentos da crise econômica que se iniciou em 2008 ainda estão por vir. A destruição econômica da Europa vai ser muito intensa. Muitas empresas vão quebrar. A Suíça começou a montar barreiras a livre movimentação de cidadãos da Comunidade Econômica Europeia em seu território. Apesar de não fazer parte da Comunidade a Suíça tinha uma postura muito amigável a entrada de cidadãos da Comunidade no seu território. Agora vai impor cotas para entrada de cidadãos de outros países entrarem e trabalharem no seu mercado. A Suíça tem

uma grande comunidade de estrangeiros vivendo lá. É muito provável que as pressões para emigração dessas comunidades aumentem. Essa lei foi votada pelos cidadãos suíços. A decisão foi muito apertada, mas logo estará em vigor, o que deve dificultar a vida dos cidadãos da Comunidade Econômica Europeia no seu território. Muitos vão perder emprego e terão que voltar para os seus países, pois é muito provável que as empresas mudem as suas políticas de contratação em função da crise econômica que vai se acentuar nos próximos anos. A Inglaterra também está pensando em seguir o mesmo exemplo. A França também tem grupos de extrema direita que querem reduzir os vínculos com a Comunidade Econômica Europeia e montar barreiras para a livre circulação de estrangeiros. A ideia é reservar os empregos para os nacionais, o que destroi o conceito básico de integração europeia. No momento de crise o individualismo triunfa. Essa nova lei suíça

muda a direção da política dos acordos em toda a Europa. A integração está ameaçada e a crise financeira vai ter impactos maiores com todas essas restrições de movimentação. O Banco Central Europeu já fala de mudar os critérios para a contabilidade dos bancos europeus e que muitos não vão conseguir se capitalizar e terão que ser fechados. Uma crise bancária na Europa vai reduzir muito a quantidade de empregos. O aumento das barreiras vai provocar o retorno de muitas pessoas aos seus países de origem, o que vai provocar um grande trauma, teremos uma nova diáspora europeia. O Brasil deverá receber uma grande quantidade de europeus, principalmente jovens, procurando emprego. Como a qualificação desses jovens é muito boa quando comparada com a dos brasileiros, as empresas receberão de braços abertos estes novos trabalhadores. O governo brasileiro deverá impor barreiras, mas elas não vão funcionar. O mercado de traba-

lho no Brasil é muito dinâmico. Em alguns setores o nível de informalidade chega a 50%. Pelo tamanho do nosso mercado a quantidade de pessoas que chegarem deverá ser muito grande para alterar de forma significativa esse patamares. Apesar de a crise ser muito intensa a Europa vai sobreviver. A história mostra um rastro de grandes conflitos e muitas reconstruções. Não será diferente dessa vez. Os conflitos desta crise só começaram. O resultado final será um grande aumento do imigrantes chegando no Brasil. Como aconteceu muitas vezes no passado. Só que dessa vez virão muitos jovens bem qualificados, o que vai provocar uma grande pressão no mercado de trabalho. Os brasileiros deverão se qualificar melhor para disputarem os empregos. Essa pressão deve atingir também as escolas. Ou seja, a crise europeia terá um impacto muito positivo no crescimento da nossa economia e na melhoria do nosso mercado de trabalho. (CG)

Economia e seus reflexos • O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)informou que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficou em 0,55% em janeiro deste ano, taxa inferior a dezembro de 2013, que alcançou 0,92%. O índice também foi inferior a janeiro do ano passado, que chegou a 0,86%. Em 12 meses, a inflação acumula taxa de 5,59%, dentro da meta do governo federal, que varia de 2,5% a 6,5%. • A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) informou que o tráfego aéreo global de passageiros subiu 5,2% em 2013. A capacidade das companhias aéreas subiu em 4,8%, enquanto a taxa de ocupação média, ou seja, a porcentagem de assentos ocupados foi de 79,5%, uma alta de 0,4% em relação a 2012. • A demanda nos mercados internacionais subiu 5,4%, levemente acima do crescimento de 4,9% visto para voos domésticos. Os maiores crescimentos foram no Oriente Médio (11,4%), seguido pela região Ásia Pacífico (7,1%), América Latina (6,3%) e África (5,2%). O crescimento do mercado da Europa foi o segundo menor, com 3,8%, marcando uma desaceleração da taxa recorde de 5,3% em 2012. A América do Norte teve a menor taxa de crescimento no último ano, 2,3%. • O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou que o nível dos reservatórios de água das hidrelétricas do Subsistema Sudeste/Centro-Oeste chegou a 38,87%. O subsistema concentra 70% da capacidade de armazenamento dos reservatórios país. Em fevereiro do ano passado, o nível estava em 45,48% e, no mesmo mês de 2012, chegou a 80,13%. No Nordeste, o nível dos reservatórios está em 42,81%, no Sul, atinge 52,72% e, no Norte, o indicador chega a 65,91%. • O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que a atividade da agroindústria brasileira apresentou ligeiro recuo no ano passado, de 0,2% na comparação com o ano anterior, principalmente devido à diminuição do ritmo dos setores ligados a agricultura, que caíram 1,3% na mesma base de comparação. As atividades associadas à pecuária registraram recuo de 0,7%.

• A receita com as exportações do agronegócio brasileiro foi de 101,5 bilhões de dólares em 2013, valor 4% superior ao do ano anterior e novo recorde. Essa expansão se deu via volume, que alcançou nova máxima histórica, com alta de 14,2%, já que os preços médios de exportação em dólar recuaram 7,5% no período. • A balança comercial brasileira apresentou superávit de apenas 2,5 bilhões de dólares no ano. O agronegócio contribui para amenizar o saldo comercial dos outros setores da economia, uma vez que gerou superávit da ordem de 83 bilhões de dólares. • A balança comercial continuou a registrar déficit, ou seja, importações maiores do que as exportações, no início de fevereiro, quando o saldo negativo atingiu a marca de 1,7 bilhão de dólares. • Com o forte déficit comercial registrado na última semana, o resultado acumulado deste ano ficou negativo em 5,8 bilhões de dólares. • A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) ajustou sua estimativa para a colheita para 193,6 milhões de toneladas para a safra 2013/14, ante as 196,7 milhões previstas em janeiro. Mesmo assim, o volume previsto é 5,2% superior ao recorde de 2012/13. • A estimativa da colheita de soja ficou em 90 milhões de toneladas, ante as 90,3 milhões projetadas em janeiro e as 81,5 milhões de 2012/13. Já a produção total de milho (primeira e segunda safras) foi ajustada para 75,4 milhões de toneladas, ante as quase 79 milhões previstas em janeiro e as 81 milhões do ciclo anterior. • O grupo Volvo anunciou um crescimento de 30,6% nas vendas de caminhões no Brasil em 2013, para 20.731 unidades. O número foi o maior da história da empresa no país, superando o crescimento de 18,8% do mercado. • Com o resultado, a companhia aumentou sua participação de mercado nos segmentos de pesados e semipesados, alcançando 20%, ante os 18,2% registrados no ano anterior. O resultado foi guiado pela linha de caminhões semipesados, cujas vendas aumentaram 23,9% no ano passado, para 5.752 unidades emplacadas. • Na América Latina, as vendas totais do grupo somaram 29.518 caminhões em 2013, alta de 25%.

Mundo 11

Lugares da Bíblia - Túmulo de Josué e Calebe Herói bíblico da tomada de Canaã foi sepultado em cidade erguida por seu parceiro de guerra, Josué

Calebe foi um dos espiões enviados por Moisés, os Meraglim, para o reconhecimento da Terra Prometida. Ele e Josué foram os únicos, entre 12, que voltaram certos de que venceriam a luta por Canaã apesar das dificuldades, pois se baseavam na promessa Divina, e não no poderio inimigo. Mesmo em avançada idade, continuava a ter a atitude de um guerreiro. Segundo a tradição judaica, Calebe foi sepultado em Timnate-Sera, cidade reerguida por Josué na terra a ele confiada, após sua conquista (Josué 19:49-50). A cidade é chamada ainda Timnate-Heres (Juízes 2:9), onde Josué também foi sepultado, segundo o relato bíblico, em uma sepultura vizinha. No local, também estão os restos mortais de Num, seu pai. Na região de Efraim, Timnate-Sera, hoje chamada Kifl-Hares, fica pró-

xima ao monte Gaás, na atual Cisjordânia, a 18 quilômetros de Nablus, a Siquém bíblica, e a apenas 30 quilômetros de Tel Aviv, capital israelense. A área é ocupada por palestinos, que reivindicam sua posse. O túmulo já recebia a visita de peregrinos por volta do ano 1258 e, hoje, a visita a ele só é permitida 3 ou 4 vezes ao ano, sob proteção das Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês), com base em acordo com a Autoridade Palestina. Quando os palestinos tomaram o local, o mausoléu de Josué, Calebe e Num foi várias vezes vandalizado e até profanado, o que aconteceu com menos frequência após acordo com a IDF, pelo fato de ser um lugar importante para a crença judaica. Fonte: arcauniversal.com


12

Saúde

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

PAPO SÉRIO Com: Daniela Bispo Cref: 013091G/PR

Construindo Massa Magra! Você decidiu começar a treinar musculação e se encontra meio perdido, ou você já treina há algum tempo e não está tendo mais os resultados esperados. Engana-se quem pensa que só quem quer emagrecer que precisa de uma alimentação adequada e de se dedicar na academia, quem quer aumentar massa muscular também tem que “ralar” muito para conseguir bons resultado. Então siga algumas dicas: Coma mais: Se você acha que está comendo o bastante e não está crescendo, então coma mais. Não é pra se entupir de porcarias e calorias vazias, e sim aumentar gradativamente o tamanho de suas refeições, sempre incluindo os alimentos de boa qualidade para a hipertrofia (aumento de massa magra) que são: Carboidratos, proteínas e gorduras boas; Não evite os carboidratos: Não foque sua dieta apenas na proteína. Desde que saiba fazer as escolhas corretas os carboidratos são de extrema relevância para o ganho de massa muscular. Prefira os carbos de baixo índice glicêmico, e ingira boa quantidade sempre; Suplementos são suplementos: O suplemento complementa sua dieta e não o contrário. Simples assim, procure gastar mais dinheiro em frango, atum , ovo, arroz e feijão do que nos suplementos da moda. Claro que você deve suplementar, mas foque no que traz resultados. Proteína, creatina, malto, Omega 3 e multivitamínicos cumprem muito bem a missão; Descanso adequado: Dê ao seu corpo um descanso merecido e anabólico. Você deve saber que o momento do treino o deixa em estado catabólico liberando cortisol, hormônio que lhe proporciona perda de massa muscular, e que na hora do descanso é que ocorre a recomposição das fibras e a sonhada hipertrofia. Então dê descanso adequado aos seus músculos e não faça como muitos iniciantes homens que treinam peito e bíceps todos os dias; e mulheres que só querem treinar glúteo. Varie o treino: Estímulos diferentes são necessários para a hipertrofia. Se você não variar seu treino você pode correr sério risco de entrar em estagnação. Procure mudar sua rotina de treinamento a cada 2 ou 3 meses; Evite o Álcool: Ok, parece um pouco radical inicialmente, mas se listarmos a quantidade de malefícios x benefícios do álcool, a lista de malefícios será muito maior. O álcool pode te ajudar muito sim, a perder massa muscular e ganhar gordura, além de perder resistência e força; Disciplina e intensidade: Isto não cabe bem como dica, mas o que separa os fortes dos fracos, é o que você faz nos seus 60 minutos de treino. Se você passa mais tempo conversando ou mandando mensagens no celular do que treinando pesado você nunca vai crescer. Treine pelo menos 4 vezes por semana e de tudo de si dentro da academia. Treine pesado ou fique em casa. Estas são algumas dicas bem básicas, mas que são a base para um bom resultado. Infelizmente, às vezes o básico é esquecido por muitos que estão na ânsia de conseguir um corpo legal em pouco tempo, gastando fortunas com montanhas de suplementos, mas continuam se alimentando mal e passando noites inteiras acordados em baladas. Não estou dizendo para você se tornar um anti-social, estou apenas expondo a idéia de que:: Tudo bem se você quer passar a noite bebendo com os amigos na balada, ou comendo fast food no fim de semana, mas então , se contente com seus ganhos e com seus resultados poucos alcançados e não culpe sua genética, seu professor , sua academia ou a marca de seu suplemento. Porque o único culpado da sua falta de resultado é simplesmente a sua falta de disciplina.

Nossa Fan Page no Facebook e concorra a prêmios

Ranger de dentes pode ser causa de dores de cabeça O bruxismo pode ocasionar, além de problemas dentários, cefaléias diárias e precisa de cuidados. As dores de cabeça podem aparecer em qualquer pessoa e pelas mais diversas causas, desde as mais simples até infecções mais complexas ou até causas psicológicas. E uma dessas causas pode estar diretamente relacionada com a ortodontia, ou seja, com o apertamento dos dentes, sendo conhecida como bruxismo. O bruxismo é uma desordem funcional caracterizada pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono. Essa pressão pode provocar desgaste e amolecimento dos dentes e, nos casos mais graves, até problemas ósseos, na gengiva e na articulação da mandíbula (ATM) - e a dor de cabeça é um dos sintomas mais comuns do bruxismo. "O bruxismo leva a um 'stress' da musculatura envolvida que pode resultar numa fadiga muscular ou

mesmo num processo inflamatório. A fadiga provoca acúmulo de ácido lático e causa a conhecida dor de cansaço muscular: dor de queimação, que costuma se localizar na região das têmporas, entre o final das sobrancelhas e os ouvidos", comenta o Dr. Alexandre Cercal, otorrinolaringologista de Curitiba, PR. O especialista comenta que possivelmente o bruxismo está ligado a fatores genéticos, situações de estresse, tensão, ansiedade, ou a problemas físicos, como os de oclusão ou fechamento inadequado da boca, por exemplo. Não se sabe exatamente o motivo, mas o bruxismo acontece em cerca de 15% das crianças e afeta homens e mulheres de forma indistinta. "Com o passar dos anos, esse é um problema que tende a diminuir", comenta. Outros sintomas causados pelo bruxismo podem ser a dor e o zumbido no ouvido, dor no pescoço, na

mandíbula e nos músculos do rosto, - devido ao esforço realizado pelos músculos da mastigação, - estalos ao abrir e fechar a boca e até alterações do sono, já que esse é um problema que acontece a noite. "Um dos maiores problemas é que na maioria das vezes a pessoa que sofre com o bruxismo só sabe que está com esse mal quando alguém lhe conta o que presenciou enquanto ela dormia, ou quando ela procura ajuda médica porque os sintomas já se instalaram, e em alguns casos vezes isso pode demorar bastante tempo", diz Cercal. O médico diz que ainda não se conhece um tratamento eficaz para curar o bruxismo, mas que é possível tratar e amenizar os seus efeitos. Pode ser feito o uso de medicamentos indicados pelo médico, mas os recursos mais indicados para o tratamento são as placas interoclusais rígidas de acrílico, moldadas se-

gundo o formato da arcada dentária do paciente. "Elas ajudam a diminuir os movimentos dos músculos mastigatórios e a reduzir o atrito que provoca o desgaste dos dentes", exalta. Para evitar maiores problemas nesse aspecto, o especialista sugere algumas recomendações, como consultar o dentista com regularidade, evitar apertar os dentes, mesmo quando estiver empenhado em uma tarefa ou situação mais complicada, evitar mascar chicletes ou morder objetos duros, como pontas de lápis e canetas, por exemplo, fazer exercícios - a prática de atividade física ajuda a controlar o estresse e as crises de ansiedade que podem favorecer o apertar dos dentes, - não se esquecer de colocar a placa interoclusal antes de dormir, se sentir algum sintoma diferente, como dores de cabeça ou zumbido, procurar um médico especialista que possa lidar com a situação da melhor forma.

Ansiedade e estresse podem intensificar sintomas de gastrite Dispepsia significa dificuldade de digestão e se refere a sintomas de gastrite, como sensação de dor ou queimação no estômago, além de náuseas, sensação plenitude gástrica ou distensão abdominal. Dispepsia funcional é um termo utilizado para descrever o paciente que apresenta sintomas dispépticos, mas sem alterações nos exames realizados na investigação, ou seja, sem gastrites, parasitoses, doenças hepatobiliares ou outras. A dispepsia funcional está relacionada a alterações na motilidade gastrointestinal, hipersensibilidade visceral, ex-

posição ao suco gástrico, intolerâncias alimentares, alterações psicossociais e infecções. É importante comentar a relação entre o cérebro e o trato digestivo. Sabemos que a simples visão e o cheiro de comida são capazes de aumentar motilidade e secreção gástricas. Desta maneira, podemos compreender a relação entre ansiedade, estresse emocional e dispepsia. Nessas condições psicossociais, por efeito direto ou intermediado por hormônios, podemos perceber mudanças na secreção de suco gástrico, na regulação de fatores prote-

tores da mucosa do estômago e na percepção dos estímulos sensoriais gástricos. A motilidade gástrica pode ser alterada nessas situações e a complacência gástrica reduzida. Além disso, a secreção de suco gástrico pode estar aumentada em situações de estresse. Pessoas submetidas a estresse emocional podem ter um aumento na sensibilidade gástrica, de forma que um estímulo considerado normal passe a ser percebido como dor. Por fim, devemos lembrar que os efeitos do estresse sobre os intestinos são relevantes,

podendo causar diarréia, constipação, flatulência, síndrome do intestino irritável e até mesmo reativação de doenças inflamatórias intestinais. Fonte: minhavida.com.br


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Social 13

Homenagem da semana A amiga Evelise Barone aproveitou alguns dias de um merecido descanso para uma fugidinha até o nordeste brasileiro para matar a saudades da afilhada Júlia Feliciano. Eve você merece!

Parabéns ao nobre amigo e empresário fazendense, diretor do Supermercado Central Gabriel Pelanda, que no último dia 13 reuniu familiares e amigos para comemorar mais um memorável ano de vida. A homenagem é da esposa Leda e dos filhos Lucas e Geovana. Um forte abraço da equipe do jornal A SEMANA! Venha para SCULPTOR a mais completa academia de Fazenda Rio Grande, com uma equipe de profissionais hiper habilitados para recebê-los e fazer a sua AVALIAÇÃO FISICA e com NUTRICIONISTA, para deixar você apto para desfrutar em mais um ano de todas as modalidades que temos para lhe oferecer: MUSCULAÇÃO, BIKE INDOOR, MMA, MUAYTHAI, JIU JITSU, JUMP!

Valter Rodrigues, diretor da RP Auto Center, em noite festiva onde recebeu o troféu alusivo a sua participação do Campeonato de MotoCross/2013 do TCC-PR. Lado a lado com o sucesso!

No dia 07 de março UMA NOITE NO MAR estará de volta no Rodo Center 21. Você não poder ficar de fora dessa!!!


14

Diversão

Reflexão

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

O Cego e o Publicitário

Havia um cego sentado numa calçada em Paris, com um boné a seus pés e um pedaço de madeira escrito com giz branco: Por favor, ajude-me, sou cego. Um publicitário da área da criação que passava em frente a ele parou e viu poucas moedas no boné. Sem pedir licença, pegou no cartaz virou-o, pegou no giz e escreveu outro anúncio. Voltou a colocar o pedaço de madeira aos pés do cego e foi embora. Ao cair da tarde, o publicitário voltou a passar em frente ao cego que pedia esmola. Seu boné agora estava cheio de notas e moedas. O cego reconheceu as pisadas do publicitário e perguntou-lhe se tinha sido ele quem reescrevera o cartaz, sobretudo querendo saber o que ele havia escrito. O publicitário respondeu: "Nada que não esteja de acordo com o seu anúncio, mas com outras palavras." E sorrindo continuou o seu caminho. O cego nunca soube o que estava escrito, mas o seu novo cartaz dizia: "Hoje é Primavera em Paris e eu... não posso vê-la." Quantas vezes já nos deparamos com situações em que se poderia ter alterado algo e com

a "preguiça" com o "deixa andar", com o cansaço não alteramos e guardamos para o outro dia, guardamos para outro momento. Quantas vezes nos deparamos com situações em que a estratégia que é usada não é a mais correta para aquilo a que se propõe e não ousamos propor uma nova estratégia. Assim e derivado às atitudes anteriores quantas oportunidades não perdemos, quantas mudanças deixamos fugir? Se queremos mudar, fazer, alterar algo devemos fazer sem hesitar. Ás vezes o pensar muito deixa fugir oportunidades. Devemos ter primeiro o impulso, depois a coragem e só depois o pensamento. Aqui corremos o risco do imprevisto redobrado, do improvisar, mas não podemos esquecer que a vida é feita de imprevistos e nada sai como queremos e planejamos, só às vezes ela, a vida, nos presenteia com algo que estava no previsto. "Sempre é bom mudarmos de estratégia quando nada acontece". É preciso mudar, arriscar, alterar, experimentar novas coisas, aprender algo novo, acima de tudo nunca parar, nem estagnar, pois isto sim é acontecer, é viver.

Datas e FFatos atos 14/02/2003 - A ovelha Dolly, primeiro mamífero clonado de uma célula adulta, foi sacrificada pelos cientistas do Instituto Rolin, na Escócia. Ela tinha seis anos e havia contraído uma doença pulmonar. 15/02/2004 - A Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania promoveu o maior casamento comunitário do mundo. 1434 casais trocaram alianças em uma cerimônia realizada no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP). O evento entrou para o Guinness Book (O Livro dos Recordes). 16/02/1937 - A empresa DuPont patenteou o náilon, fibra artificial utilizada principalmente em roupas. 17/02/1972 - O Fusca chegou ao modelo de número 15.007.034 e superou o Modelo T, da Ford, como o carro mais produzido na história. 18/02/1564 - Morreu aos 88 anos Michelangelo, um dos maiores gênios da Arte. Entre suas obras, estão as esculturas de David e da Pietá e os afrescos da Capela Sistina. 19/02/1878 - Thomas Edison patenteou o fonógrafo. A primeira canção gravada foi "Mary Tinha um Cordeirinho". 20/02/1941 - Foi criado o Correio Aéreo Nacional (CAN).

Piadas No concurso para carteiro, a primeira questão é: Qual a distância entre a Terra e a Lua? Um dos candidatos se levanta no ato e devolve a prova, em branco, ao examinador: - Se é para trabalhar nesse percurso, eu desisto do emprego. ****** A professora pediu ao menino Luisinho pra escrever um poema... Olhem o que saiu: A Primeira Vez O Céu estava claro. A Lua quase dourada. Ali, no campo, eu e ela e não se via mais nada. A pele suave, as ancas expostas. E eu tocando de leve o macio das suas costas. Não sabendo começar, olhei o seu corpo esguio.Decidi, então, pôr as mãos sobre o seu peito macio. Eu ali estava de frente e o meu coração batia. Enquanto ela lentamente, as firmes pernas abriam. Então,

às duas por três, a minha alegria chegou. Pelo menos desta vez o liquido branco jorrou. Finalmente tudo acabou e quase saio de maca. Foi assim, a primeira vez, que tirei o leite da vaca!!! SEUS MALDOSOS!!! ****** Uma mulher estava esperando o trem na estação ferroviária de Varginha, quando sentiu uma vontade de ir urgentemente ao banheiro. Foi... Quando voltou, o trem já tinha partido. Ela começou a chorar. Nesse momento, chegou um mineiro, compadeceu-se dela e perguntou: - Purcaus diquê qui a sinhora tá chorano? - É que eu fui urinar e o trem partiu.... - Uai, dona! Por caus dissu num precisa chorá não...tenho certeza bissoluta qui a sinhora já nasceu com esse trem partido....

Simepar Sexta

Sábado

Domingo

Segunda

Parcialmente nublado com chuvas e trovoadas

Pancadas de chuva

Pancadas de chuva à tarde

Pancadas de chuva isoladas à tarde

Máx.25ºC Mín.17ºC

Máx. 22ºC Mín. 17ºC

Máx. 24ºC Mín.18ºC

Máx.25ºC Mín. 16ºC

Culinária Pão de queijo de liquidificador Quem ama pão de queijo ai levanta a mão, esse é feito em 30 minutos e rende 48 porções! Ingredientes 2 copos americanos de polvilho doce 1 copo de óleo 1 copo de leite 1/2 copo de farinha 1 copo de queijo ralado ou 1/2 copo de queijo em cubos 2 ovos 1/2 colher de sal Modo de preparo Bata tudo no liquidificador

Coloque em forminhas untadas com óleo e asse por aproximadamente quinze minutos ou até ficarem durinhos


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Áries Momentos de gostosa intimidade estão previstos para este período. Reforce o vínculo com o par valorizando o dia a dia em casa. Tudo bem no serviço, mas quem trabalha por conta própria terá ajuda especial das estrelas. Não exagere nos gastos ou poderá arrumar dívidas futuras. Os astros pedem que tenha bom-senso no seu lar. Touro Se estiver sozinha, pode encontrar um novo amor fazendo uma viagem ou frequentando cursos. Você pode se dar bem em tudo o que envolva o universo feminino terá boa receptividade: aproveite as oportunidades! Só não empreste grana aos amigos, pois pode não receber de volta. Boa fase para tratar de assuntos familiares e íntimos. Gêmeos Para manter um bom diálogo com seu par, não faça julgamentos precipitados sobre ele. Saiba ouvir o que seu amor tem a dizer. No trabalho, autoconfiança é decisiva para se posicionar bem. Bote seus talentos para funcionar. Boa cabeça para lidar com dinheiro: se não abusar dos gastos, não terá problemas. Em família, aceite o jeito de ser de cada um. Câncer Mostre seu lado mais atencioso e compreensivo para conquistar quem você gosta. Se tem companhia, utilize essa mesma vibração para manter a pessoa amada interessada e feliz. Pense nas diferenças individuais como algo a acrescentar nas relações de trabalho. Administre direito suas finanças. Em família, evite se magoar por bobagens. Leão A dois, trate de ser menos orgulhosa e dividir suas inseguranças. Isso mostrará confiança e atenção à relação de vocês. Tarefas que exijam silêncio vão fluir com facilidade. Com relação a dinheiro, tudo pode melhorar com um bom acordo. Você que está sempre disposta a oferecer um ato de generosidade aos outros, agora precisa aprender a receber o mesmo. Virgem Se já tem um amor, alimente a relação com gestos de cooperação e amizade. Se já tem afinidade com uma pessoa amiga, invista e o romance poderá ser um sucesso. Trabalhar em grupo será a melhor opção. Não abuse nos gastos. A Lua Cheia reduz o seu estoque de paciência. O equilíbrio estará em ce-

der um pouco para estar em harmonia com a família. Libra Procure estar mais presente na vida do seu amor. Se está só, envolver-se com colega de trabalho será uma forte probabilidade nessa fase. Mostre comando, administre com mão firme os problemas do trabalho. Tudo que fizer bem feito pode ter um bom retorno, inclusive material. Dê mais atenção ao pessoal de casa. Escorpião Faça uma viagem com seu par. Sair da rotina facilitará a retomada do romantismo e do diálogo entre vocês. Bom faro ajuda numa decisão de viagem, negócios ou em relação a pessoas que exercem poder onde trabalha. Cuidado apenas com gastos impensados. O astral familiar estará protegido nessa fase. Você terá muitas chances de expressar seu carinho. Sagitário Entender o que cada um busca no relacionamento será o primeiro passo para restabelecer o que há de melhor em sua união. Período ótimo para você se desafiar. Seu potencial para dar a volta por cima está maior. Para ganhar dinheiro, siga a sua intuição, que será certeira. Vai bater forte a necessidade de abrir a alma e falar de suas emoções mais íntimas. Capricórnio Conte com a proteção de Vênus para fazer da relação amorosa fonte de alegrias. Tenha atitudes positivas, seja atenciosa e desprendida. Momento de ativar suas capacidades ao máximo para sobressair profissionalmente. Dinheiro em expansão. Se quiser uma relação mais gratificante com seu pessoal, aprenda a minimizar os defeitos de quem convive com você. Aquário Confiança, diálogo e participação serão os ingredientes que deverá oferecer ao seu relacionamento para que se fortaleça. Se está só, invista na sua sensualidade. Trabalhos não terminados precisam ser completados com urgência. Adie negociações com sócios, parceiros e clientes. Equilibre compromissos fora de casa com o convívio familiar. Peixes Caso seu romance seja recente, é hora de assumi-lo de vez. Se não tem nada em vista, vai se surpreender com pedido de namoro. Nem tudo o que deve ser feito é motivo de prazer ou satisfação, mas você deve se voltar para concretizar as coisas no trabalho. Evite emprestar dinheiro. Bons momentos com familiares e amigos.

Armandinho em Caiobá Neste sábado, dia 15 de fevereiro, o cantor gaúcho traz para o palco do Hyddra Concept Lounge, o show do seu novo disco, Sol Loiro, além dos clássicos da carreira O cantor gaúcho Armandinho chega com novidades ao litoral paranaense neste final de semana. No sábado, dia 15 de fevereiro, ele sobe ao palco do Hyddra Concept Lounge (R:Alvorada,600), a partir das 22 horas, para apresentar seu show leve, que traz um reggae de levada praieira. Além dos clássicos de mais de 10 anos de carreira, Armandinho aproveita para lançar seu novo álbum Sol Loiro, que já esta disponível no itunes, e em breve, chega às lojas. Sucessos como ‘Ursinho de Dormir”, “Desenho de Deus” e “Semente” devem fazer parte do reper-

Foto: Divulgação

Horóscopo

Agenda cultural 15

tório da apresentação. Músicas inéditas do novo dis-

co, como “Sol Loiro” e o novo hit “A Ilha”, que já está entre as Top-10 nas rádios, também prometem estar no set list. O novo disco está mais maduro e o artista trabalha com outras influências. Segundo Armandinho, “A Ilha”, por exemplo, é bem rock australiano, com um piano lisérgico bem colocado. Armandinho chega a Caiobá escoltado por sua banda, formada por Vini Bodam (bateria), Pedro Porto (baixo), Lúcio Dorffmam (teclado), Luciano Granja (guitarra), Gordo Lopes (percussão) e João Coiote (vioão e backing vocal).

A primeira canção Armandinho compôs aos 12 anos. Anos mais tarde, as letras escritas durante a adolescência fizeram sucesso nas rádios. Alçado a ídolo nacional em 2006, com o álbum “Casinha”, ele é conhecido pelo reggae de levada praieira. Misturando também pop e MPB, o artista diz que prefere falar de coisas que divertem as pessoas e passa longe de letras politicamente engajadas. O cantor já tem 6 CDs e 2 DVDs lançados. Os ingressos estão disponíveis e os valores são Pista/3º lote- R$ 86,00 (inteira) e R$ 46,00 (meia-entrada).

Cinema

Estreia nesta sexta-feira nos cinemas Caçadores de Obras-Primas Baseado no livro ‘The Monuments Men: Allied Heroes, Nazi Thieves and the Greatest Treasure Hunt in History‘, o longa conta a história de um grupo de diretores de museu, especialistas em história da arte e curadores que arriscam suas vidas para evitar a destruição

da cultura durante a Segunda Guerra Mundial. Ao mesmo tempo que Adolf Hitler tentava dominar o mundo ocidental, o exército nazista recebia ordens para ir buscar a cumular os melhores tesouros de arte na Europa. O Fuhrer tinha começado a cata-

logar a arte que pretendia guardar, e aquela que queria destruir. Centrado no período de 11 meses entre o Dia D e o Dia da Vitória, este relato fascinante segue seis ‘Monuments Men’ e a sua missão impossível para salvar a grande arte do mundo nazista.

Cinemark Shopping São José 47 Ronins (Dub) – sala 1 – 11:30 – 14:00 Hércules (Dub) – sala 1 – 16:30 – 18:45 – 21:00 – 23:10 A Menina que Roubava Livros (Dub) – sala 2 – 13:10 – 15:50 – 18:35 – 21:20 – 00:05 Capitão Phillips (Dub) – sala 3 – 20:40 – 23:20 Uma Aventura Lego (Dub) – sala 3 – 11:20 – 13:45 – 16:15 – 19:00 – 21:30 Caçadores de Obras-Primas (Dub) – sala 4 – 11:20 – 13:45 – 16:15 – 19:00 – 21:30 – 00:00

Frankenstein - Entre Anjos e Demônios 3D (Dub) – sala 5 – 19:45 – 21:50 – 23:50 Uma Aventura Lego 3D (Dub) – sala 5 – 13:00 – 15:10 – 17:30

Frozen, Uma Aventura Congelante (Dub) – sala 3 – 13:30 Hércules (Leg) – sala 2 – 14:15 – 19:15 O Lobo de Wall Street (Leg) – sala 3 – 15:40 Operação Sombra: Jack Ryan (Leg) – sala 2 – 16:45 – 21:35 Trapaça (Leg) – sala 4 – 13:45 – 16:30 – 19:15 – 22:00 Uma Aventura Lego 3D (Dub) – sala 5 – 14:00 – 16:20 – 19:00 – 21:20

Cinesystem – Shopping Curitiba 12 Anos de Escravidão (Leg) – sala 3 – 19:10 47 Ronins (Leg) – sala 3 – 21:40 A Menina que Roubava Livros (Leg) – sala 1 – 14:00 – 16:40 – 19:20 – 21:50 Caçadores de Obras Primas (Leg) – sala 6 – 14:20 – 16:50 – 19:20 – 21:50

Cinesystem – Shopping Total 47 Ronins 3D (Dub) – sala 4 – 14:10 – 16:40 - 19:10 – 21:40

Até que a Sorte nos Separe 2 (Nac) – sala 5 – 20:30 Frozen, Uma Aventura Congelante (Dub) – sala 1 – 14:30 - 16:50 – 19:20 Hércules (Dub) – sala 3 – 17:00 – 19:25 – 21:45 Muita Calma Nessa Hora 2 – (Nac) – sala 1 – 21:50 Tarzan: A Evolução da Lenda (Dub) – sala 3 – 14:25 Uma Aventura Lego (Dub) – sala 5 – 14:00 – 16:10 – 18:20 Uma Aventura Lego 3D (Dub) – sala 2 – 14:20 – 16:30 – 19:00 – 21:10


16

Geral

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

A intensificação das atividades das polícias, do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) e de outros órgãos ligados ao setor contribuiu para uma redução de 20,3% nas mortes registradas no trânsito em todo o Paraná, em 2013. A queda corresponde a 519 mortes a menos no trânsito em comparação a 2012. No ano passado, 2.036 vítimas constam nos inquéritos de homicídios culposos de trânsito instaurados pela Polícia Civil, enquanto em 2012 foram 2.555. Os dados estão no Relatório Estatístico Criminal elaborado pela Coordenadoria de Análise e Planejamento Estratégico (Cape) da Secretaria da Segurança Pública, divulgado esta semana. De acordo com o comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária, tenente-coronel Daniel dos Santos, aproximadamente 85% dos acidentes em rodovias são causados por falha humana. "Principalmente imprudência, desrespeito à sinalização e à legislação de trânsito. Percebemos também que os acidentes maiores são, muitas vezes, motivados por excesso de velocidade e embriaguez", explica ele. Em 2013, com a aqui-

Foto: Cabo Valdemir da Luz

Mortes no trânsito caem 20,3% no PR Queda de mortes na RMC foi de 33,8%

Campanhas educativas e fiscalizações reduzem mortes no trânsito em 20,3% no Paraná

sição de 118 radares fotográficos de última geração, além de mais etilômetros (o popular bafômetro), a fiscalização foi aprimorada nos acerca de 13 mil quilômetros de rodovias de competência da Polícia Rodoviária Estadual. "A fiscalização se tornou mais efetiva e qualitativa, pois esses equipamentos auxiliam no ataque direto às falhas humanas e ao desrespeito às leis", diz o tenente-coronel. A

compra dos novos equipamentos foi feita por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR). Outro investimento citado pelo comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária refere-se às novas viaturas que estão à disposição nos postos rodoviários. "Hoje, o nosso policial atua com um perfil voltado estritamente para a atividade fim, operacional, de fiscalização".

O segundo foco de atuação dos policiais rodoviários é o das ações educativas. "Participamos de todas. Também temos seis escolas práticas educativas de trânsito, onde as crianças passam um dia aprendendo a se comportar na condição de pedestre e de ciclista. Elas aprendem, por exemplo, como agir diante de uma situação e conhecem os sinais de trânsito", conta o comandante.

Em Curitiba, foram registradas 191 mortes no trânsito em 2013, uma diminuição de 19,7%. Na Região Metropolitana da Capital a queda foi de 33,8%. O mesmo ocorreu na maioria das Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisps), como nas regiões de Ponta Grossa (-4,3%); Paranaguá (-36,7%); União da Vitória (-45,8%); Francisco Beltrão (-42,6%); Foz do Iguaçu (-16,7%) e Cornélio Procópio (15,2%). As ações do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) na capital do Estado também foram intensificadas, com atividades voltadas, principalmente, à coibição da prática de motoristas que insistem em dirigir depois de ingerir

bebidas alcoólicas. "O motorista embriagado se transforma ao volante, tornando-se agressivo, desrespeitando a sinalização, e cometendo infrações como avanço do sinal vermelho ou de rua preferencial, e transitar na contramão, entre outras, que causam grande parte dos acidentes" diz o comandante do BPTran, tenente-coronel Valterlei Mattos de Souza. Em 2013, o BPTran registrou 1.172 prisões por embriaguez ao volante, contra 802 no ano anterior. Também foram realizadas 1.750 notificações por embriaguez e feitos 7.815 exames de bafômetro. Em 2012 houve 1.417 notificações por embriaguez ao volante e foram realizados 2.229 exames.

PM vai usar tecnologia avançada para intensificar policiamento no Carnaval A Polícia Militar do Paraná vai intensificar a segurança no litoral do Estado durante o Carnaval com o uso de quatro caminhões denominados Centros de Comando e Controle Móveis. Os veículos serão usados em Guaratuba, Matinhos/Caiobá e em dois pontos de Pontal do Paraná Ipanema e Santa Terezinha. Para garantir o uso eficiente das unidades móveis, dezenas de policiais militares foram capacitados

durante quatro dias para utilizarem os veículos. "Os integrantes da corporação aprenderam a operar os equipamentos de videomonitoramento para que nada passe aos nossos olhos no Carnaval do litoral", disse o major Robson Lima, da Diretoria de Tecnologia e Informação da Polícia Militar, responsável pela capacitação das equipes. Os caminhões, entregues pela Secretaria Extraordinária de Segurança

para Grandes Eventos, foram recebidos para serem usados na Copa do Mundo, mas serão utilizados neste Carnaval como projeto piloto. "Com isso, vamos dominar a operação dos equipamentos e identificar detalhes que precisam ser vistos antes de um grande evento como a Copa", destaca o major. Os caminhões possuem câmeras com tecnologia de infravermelho, televisores e telefones e terão

geradores de uma rede sem fio (wi-fi). Eles também são adaptados com sistemas de comunicação, videomonitoramento e de gestão de eventos. "Trata-se de uma plataforma elevada que nos permitirá observar toda a movimentação dos locais de aglomeração de pessoas. Como têm rádios integrados com as viaturas, podemos repassar as situações e agir de maneira bem rápida em qualquer circunstancia identificada", explica o major

Robson. Nos quatro locais do litoral escolhidos para receberem os caminhões durante o Carnaval haverá uma parceria com as prefeituras para que as câmeras da cidade possam ser integradas aos Centros de Comando e Controle Móveis. "Além da parceria com as prefeituras, temos parceria com Copel, Sanepar e com outras forças de Segurança Pública como a Polícia Federal e a Guarda Municipal", conta.


A SEMANA

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Classificados 17

CLASSIFICADOS DE LINHA NO BALCÃO DO JORNAL. Avenida Brasil, 1890 - Sobrado 01 - Eucaliptos - FRG - Próx. ao Caic. IDEA ELX fire 1.4 84cv 2007, prata, flex, completo, bancos em couro, rodas de liga. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br PALIO ELX 1,4 flex 4p cor cinza, 08/08, Completo, Alarme, ac, ar qte, ldt, dh, Insulfilme, rll, vte, Câmbio Manual. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos, www.rialeveiculos.com.br PALIO Fire 1.0 4P trofeo 2005, ar quente, desembaçador. R$ 14.900,00 à vista ou R$ 3.900,00 entrada + R$ 397,00 fixas. Faça seu cadastroporfone41-3273-1262ouacesse: www.veleiroveiculos.com.br

PALIO ELX 1.0 atractive 2008 flex, direção hidráulica, trio elétrico, rodas LL. R$ 17.900,00 à vista ou R$ 3.400,00 entrada + 48 X R$ 499,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

PALIO Fire 1.0 2006 ar quente, ar condicionado / rodas LL. R$ 14.500,00 à vista ou R$ 3.400,00 entrada + 48 X R$ 389,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br PALIO weekend adventure 1.8 2005, verde, flex, completo. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br PUNTO ELX 1.4 86cv 2009, vermelha, flex, completo. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br ANUNCIE 3627-1997

SIENA EL 1.4 84cv 2012, branca, flex, completa. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

5.800,00 à vista ou financiado. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br

TEMPRA IE 2.0 4p, 94/95, cor Azul, veiculo de repasse, documentação em dia. Faça uma simulação e conheça nossas opções de pagamento. De R$ 5.000,00 por apenas R$ 2.900,00. Fone 3604-2428 Riale veículos, www.rialeveiculos.com.br UNO fire 2P 07/08 flex, cor preta, ldt, Insulfilme. Documentos 2013 tudo pago.Entrada + 60x. Fone 36042428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br UNO mille SX 2p 1997, cinza, gasolina. De R$ 8.800,00 por R$

UNO mille fire 2006, prata, flex, ar qte, limpador e desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br


18

Classificados

UNO Economy 1.0 2012 flex, placa A R$ 15.700,00 a vista ou R$ zero + 48 X R$ 525,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br UNO Economy 1.0 2011 flex / placa A R$ 14.700,00 à vista ou R$ zero + 48 X R$ 499,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br UNO Sporting Evo 1.4 flex, 4p, Ano 11/12 cor amarela, Completo, Alarme, ac, ar qte, ldt, dh, Insulfilme, rll, vte, Câmbio Manual. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

20.900,00 à vista ou R$ 3.900,00 entrada + 48 X R$ 589,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

ca 01/01 Completo, Alarme, ac, ar qte, dh, Insulfilme, rLL, vte, 4P, Bancos de couro, Câmbio Manual. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

ASTRA sunny 2.0 116CV 2002, vermelha, gasolina, completo. De R$ 15.900,00 por R$ 13.800,00 à vista ou financiado. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

MERIVA 1.8, 04/04, cor prata, Completo, Alarme, ac, ar qte, ldt, dh, Insulfilme, vte, 4P, Câmbio Manual. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

SAVEIRO super surf 1.6 flex. 2004 preta completa + couro, rodas de liga, capota marítima, protetor de caçamba. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

ASTRA Hatch Advantage 2.0 preto, 2005, completo + couro. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

PRISMA Joy 1.4 75CV 2010, prata, flex, ar qte, desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br

PEUGEOT 207 SW XR sport, 08/09, cor cinza, Completo, Alarme, ac, ar qte, ldt, dh, Insulfilme, vte, 4P, Câmbio Manual. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

XSARA Picasso GX 1.6 118CV 2002, cinza, gasolina, completo. De R$ 16.800,00 por R$ 14.800,00 à vista ou financiado. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br

CELTA life 1.0 VHC 70cv 2008, flex, imperdível. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

UNO Vivace 1.0 75CV 2P 2012 2P, cinza, flex, ar qte. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br UNO Way Celebration 1.0, 2012, dh, vidros e travas elétricos, ar qte, desemb e limpador traseiro, rack teto, farol de milha. único dono, manual, NF, chave reserva. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

ECOSPORT freestyle 1.6 2007, preta, flex, completa, rodas de liga, som original. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br FUSION 2.4 aut. 2008, prata, gasolina, top de linha. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br KA 1.0 75cv 2011, branca, flex, ar qte, trava, alarme, vidros elet., limpador e desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br KA 1.0 zetec rocan 2009, ar qte, direção, vidros elétricos, travas, alarme, limpador e desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/36081000. rotta8veiculos.com.br KA GL 1.0 2007 flex, ar quente, desembaçador. R$ 13.900,00 à vista ou R$ 1.900,00 entrada + 48 X R$ 429,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br KA class 1.0 2009 flex, ar quente, ar condicionado. R$ 16.900,00 à vista ou R$ 2.400,00 entrada + 48 X R$ 498,00 fixas. Faça

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

PRISMA Maxx 1.4 75CV 2010, prata, flex, ar qte, desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/ 3608-1000. rotta8veiculos.com.br VECTRA expression, 2.0 8v, flex ,2007/2008, cor prata, completo, Alarme, ac, ar qte, dt, dh, Insulfilme, rll, vte, 4P, Câmbio Manual, 04 pneus PIRELLI novos aro 16, placa A. Entrada + 60x. Fone 36042428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

CELTA life 1.0, flex, 4P, 07/08, cor branca, insulfilme, Veículo revisado, Em ótimo estado de conservação, calotas, baixo km, placa A, Vale a pena conferir, documentação 2013 paga. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

FOX 1.6, flex, imotion, 2011, vermelho, dh, alarme, vidros e travas, ar qte, Limp desemb, Rodas de liga, computador de bordo. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

CELTA 1.0, 2002, prata, limp.e desem. e calhas de chuva, insulfilme, rodas de liga 14. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

FUSCA 1.300 rosa 1969 alarme, travas, couro. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br

CLASSIC LS 1.0 VHC-e 78cv 2011, vermelha, flex, ar qte, desembaçador, direção. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

GOL G5 1.0 75cv trend 2010, vermelha, flex, ar qte, trava, alarme, vidros elet., limpador e desembaçador. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/ 3608-1000. rotta8veiculos.com.br

CORSA Sedan, 1.0, alcool, 03/ 03, cor branca, Vidros elétricos, 4P, Câmbio Manual. S/Entrada + 48 X R$ 465,00. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

GOL G5 1.0 76cv 2010, vermelha, flex, ar qte, direção, vidros elétricos, trava, alarme. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

CORSA Sedan Classic LIFE 1.0 2005, ar quente, desembaçador. R$ 13.900,00 à vista ou R$ 1.900,00 entrada + 48 X R$ 429,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

GOL G5 1.0 75CV trend 2009, cinza, flex, ar qte, trava, alarme, vidros elet., limpador e desembaçador. Confira! De R$ 25.800,00 por R$ 22.800,00 à vista ou financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/ 3608-1000. rotta8veiculos.com.br

KADETT GLS 2.0 1998 preto, dh, alarme vidros e travas, ar qte, limp desemb. Eliauto veículos. Fone 3 6 2 7 - 3 6 4 3 . www.eliautoveiculos.com.br MERIVA Joy 1.8 2006 flex, completa, placa A. R$

GOLF flash 1.6 2006 prata completo + alarme, rodas de liga e couro. Eliauto veículos. Fone 36273643. www.eliautoveiculos.com.br POLO Sportline 1.6 2008 flex, completo, rodas LL, bancos em couro. R$ 27.900,00 à vista ou R$ 9.900,00 entrada + 48

X R$ 599,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

CLIO Hatch Authentique 1.0 07/ 08, cor prata, Alarme, ar qte, ldt, Insulfilme, Trava elétrica, 4P, Bancos de couro, Câmbio Manual, Controle interno do espelho, Encosto Cab. Traseiro, Espelho cortesia para passageiro, Parachoque personalizado. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br CLIO Sedan Authentic 1.0 2007 flex, ar quente, desembaçador. R$ 16.900,00 a vista ou R$ 2.900,00 entrada + 48 X R$ 489,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br KIA/ SOUL 1.6 10/11 cor laranja, Completo, Alarme com acionamento dos vidros, ar qte, ldt, dh, Insulfilme, rLL aro 20, vte, Air bag, Ar Condicionado digital, Computador de bordo, Espelho cortesia para passageiro, Espelho Personalizado, Estribo, MP3 Player, Parachoque personalizado, Regulagem altura do banco, Regulagem elétrica dos faróis, Relógio digital, Retrovisor elétrico e fotocrômico, Veículo de não fumante. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br LOGAN Expression 1.0 2009 flex, ar quente, trio eletrico, desembaçador. R$ 19.900,00 à vista ou R$3.900,00 entrada + 48 X R$ 559,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br MEGANE Grantour Dynamiqui 1.6 16v 115cv 2011, preta, flex, top de linha. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 36753 0 2 8 / 3 6 0 8 - 1 0 0 0 . rotta8veiculos.com.br PAJERO IO 2.0, 99/00, cor azul, Completo, Alarme, ac, ar qte, ldt, dh, insulfilme, rLL, Trava elétrica, Trio elétrico, 4P, Bancos de couro, Câmbio Manual, 4X4. Entrada + 60x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br PEUGEOT 206 Sensation 1.4, 07/08, cor prata , ar qte, ldt, Insulfilme, vte, 4P. Entrada + 48 x. Fone

PEUGEOT 307 feline 2.0 1.6V 143CV 2007, preta, gasolina, top de linha. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 36753 0 2 8 / 3 6 0 8 - 1 0 0 0 . rotta8veiculos.com.br PEUGEOT 206 presence 1.4 2005, direção hidráulica, trio elétrico. R$ 14.900,00 à vista ou R$ 3.900,00 + 48 X R$ 399,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br PEUGEOT 207 XS 1.6 2009 4P flex, completo, rodas LL, ar digital, top de linha R$ 22.900,00 à vista ou R$ 6.400,00 entrada + 48 X R$ 569,00 fixas. Faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br

FAT BOY, 2011, preta alarme, couro rodas 17. Eliauto veículos. Fone 3627-3643. www.eliautoveiculos.com.br FAZER 250 LE, 12/12, cor preta, rodas de Liga leve. Entrada + 36 x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

IVECO Daily, 4912, 03/03 cor branca, ar qte, dh, Insulfilme. Caminhão com baú semi-novo, placa vermelha, pneus semi novos. Entrada + 48 x. Fone 3604-2428 Riale veículos www.rialeveiculos.com.br

SCENIC Expression 1.6 2004, completa, rodas LL, couro, airabg 2. R$ 18.900,00 à vista ou faça seu cadastro por fone 41 - 3273-1262 ou acesse: www.veleiroveiculos.com.br SCENIC 1.6 16v 115cv 2009, prata flex, completo. Confira! Aceita troca e financio. Rotta 8 Veículos. Fone: 3675-3028/3608-1000. rotta8veiculos.com.br

Berlingo multispace GLX, 1.8, 2001, prata, completa + air bag duplo. Eliauto veículos. Fone 36273643. www.eliautoveiculos.com.br S 10 CD 2.8, diesel, cor bran-


A SEMANA AJUDANTE DE CARGA E DESCARGA AJUDANTE DE CARGA E DESCARGA AJUDANTE DE PINTOR ANALISTA DE CRÉDITO (ECONOMISTA) ANALISTA DE MARKETING ARTE-FINALISTA ATENDENTE DE BALCÃO AUXILAR DE CRÉDITO AUXILAR DE PRODUÇÃO AUXILIAR DE ALMOXARIFADO AUXILIAR DE ALMOXARIFADO AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE COZINHA AUXILIAR DE DEPÓSITO AUXILIAR DE ESCRITÓRIO AUXILIAR DE ESCRITÓRIO AUXILIAR DE ESTOQUE AUXILIAR DE ESTOQUE AUXILIAR DE ESTOQUE AUXILIAR DE LIMPEZA AUXILIAR DE LIMPEZA AUXILIAR DE LIMPEZA AUXILIAR DE LIMPEZA AUXILIAR DE PRODUÇAO AUXILIAR DE PRODUÇAO AUXILIAR DE PRODUÇÃO AUXILIAR DE PRODUÇÃO AUXILIAR DE PRODUÇÃO AUXILIAR DE PRODUÇÃO AUXILIAR DE VIDRACEIRO BORRACHEIRO CAIXA NO COMÉRCIO CAMAREIRA COBRADOR DE TRANSPORTES COLETIVOS COSTUREIRA DE MAQUINAS INDUSTRIAIS COZINHEIRA COZINHEIRO GERAL COZINHEIRO GERAL ELETRICISTA AUTOMOTIVO ELETRICISTA DE INSTALAÇÕES INDUSTRIAIS ELETRICISTA DE MANUTENÇÃO INDUSTRIAL EXTRUSOR DE BORRACHA IMPRESSOR DE SERIGRAFIA INSTALADOR DE SOM AUTOMOTIVO MARCENEIRO MARCENEIRO MARCENEIRO MECÂNICO MONTADOR MONTADOR SOLDADOR MOTORISTA DE CAMINHÃO – CNH “C” MOTORISTA DE CAMINHÃO – CNH “D” MOTORISTA DE ÔNIBUS RODOVIÁRIO MOTORISTA ENTREGADOR – HAB “C” OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS – PREDIAL OFICIAL DE SERVIÇOS GERAIS – PREDIAL OPERADOR DE CAIXA OPERADOR DE CAIXA OPERADOR DE EMPILHADEIRA OPERADOR DE EMPILHADEIRA OPERADOR DE MÁQUINAS FIXAS OPERADOR DE MÁQUINAS FIXAS OPERADOR DE SERRA CIRCULAR PADEIRO PADEIRO PORTEIRO RECEPCIONISTA SECRETÁRIA SERVENTE DE LIMPEZA SERVENTE DE LIMPEZA SERVENTE DE LIMPEZA SERVENTE DE OBRAS SERVENTE DE PEDREIRO TORNEIRO MECÂNICO VENDEDOR INTERNO VENDEDOR INTERNO ZELADOR ZELADOR ZELADOR

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

2299798 2333301 2371964 2334192 2385648 2350072 2380980 2300436 2309478 2319924 2336401 2303915 2315537 2323706 2376336 2357684 2379041 2308912 2333387 2310436 2339067 2371509 2310406 2382123 2382397 2383853 2357816 2384995 2305652 2300364 2322355 2365608 2382230 2336305 2300976 2340702 2349130 2349846 2314253 2360790 2303979 2299700 2314018 2360537 2303579 2366769 2304345 2314097 2308100 2362074 2377412 2383922 2309031 2343637 2357532 2381429 2333427 2343199 2349038 2338912 2375915 2360162 2370971 2304452 2384075 2304389 2362595 2315422 2301163 2339234 2360922 2362319 2355988 2324224 2304565 2383976 2385324 2300841 2301299 2301496 2316157

MAS MAS MAS INDF INDF INDF INDF FEM INDF MAS MAS FEM FEM FEM FEM INDF INDF MAS FEM INDF INDF INDF MAS FEM FEM FEM INDF INDF MAS MAS MAS MAS MAS MAS MAS FEM FEM INDF FEM FEM FEM INDF MAS MAS MAS INDF INDF MAS MAS MAS MAS MAS MAS MAS MAS MAS MAS FEM MAS INDF INDF MAS MAS INDF MAS MAS INDF MAS MAS FEM FEM FEM INDF MAS MAS MAS FEM INDF FEM FEM MAS

Interessados comparecer na Agência do Trabalhador de FRG Rua Cedro, 343 das 8h as 12h - 13h as 17h Munidos de documentos

Classificados 19

Agência do Trabalhador perto de casa Por Marcelo Pelanda O número de atendimentos no mês de janeiro na Agência do Trabalhador em Fazenda Rio Grande foi acima da média. Se dezembro é o mês de festas e férias, em janeiro a ordem é colocar em prática os planos do fim de ano que para milhares de pessoas começa com a busca de uma oportunidade e isso que observamos com o grande movimento de trabalhadores na Agência. Foram atendidas cerca de 350 pessoas por dia. Para melhoria deste atendimento, ainda em janeiro conseguimos ampliar o horário da agência, não fechando para o almoço, assim, o trabalhador não precisa ficar na fila, esperando reabrir a agência, ainda mais nesse calor, em pé, algo desconfortável. Dentro da agência, enquanto aguarda o atendimento sentado e ambiente climatizado, o trabalhador tem uma equipe de colaboradores que busca oferecer um serviço de qualidade, com atendimento personalizado, bem como trabalhamos para identificar as necessidades do candidato, angariando mais vagas para que tenhamos sempre opções de colocação e recolocação do trabalhador no mercado. É preciso que o trabalhador procure a Secretaria Municipal de Trabalho, ao lado da Agência para que possamos identificar em qual área o fazendense gostaria que tivesse mais cursos de capacitação. Com esses dados - mesmo porque não temos condições de ir casa a casa para fazer esse levantamento - podemos buscar novas parcerias e cursos para qualificar o trabalhador. E ainda sobre o atendimento, vale ressaltar que o morador tem outros quatro endereços em Fazenda Rio Grande para ser atendido e não apenas na Agência Central do Trabalhador. Ao invés de se deslocar, gastar com passagem, o trabalhador fazendense pode ser atendido na porta de casa. As vagas e o mesmo serviço oferecido aqui na agência também estão disponíveis no posto do Terminal de Ônibus, e nos CRAS, dos bairros Eucaliptos, Iguaçu e Gralha Azul. Nesses pontos, a média de atendimento em janeiro, foi de 15 por dia, enquanto na agência foi vinte vezes maior. Portanto, vamos usar essa conveniência de atendimento ao trabalhador nos bairros também, ferramenta que pode fazer toda a diferença no tempo de preenchimento da vaga. Para mais informações comparecer na Secretaria Municipal do Trabalho, na Avenida Cedro, 291, próximo da Agência do Trabalhador de Fazenda Rio Grande. Telefone: (41) 3627-0629.

SÚMULA DE PEDIDO DE AUTORIZAÇÃO FLORESTAL A MARIA OLINDA DOMICIANO torna público que irá requerer ao IAP, a Autorização Florestal para corte de diversas árvores no prolongamento da Avenida Venezuela, Chácara 26, Setor 6, Bairro Eucaliptos.


20

Classificados

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

A SEMANA


A SEMANA

www.awimoveis.com.br 3212-4600 | 3608-1160

14 a 20 de fevereiro de 2014 -

Classificados 21


22

Classificados

cial no Sitio Cercado - Rua Moyses Gutztein, 1180 apto 304 BL 03, com 57M², 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Toledo. Valor da locação R$ 600,00 + condomínio de aproximadamente R$ 220,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600

al no Capão Raso - Rua Marechal Otavio Saldanha Mazza, 1451 apto 302 bl 06, com 70m² 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Greenville. Valor da locação R$ 690,00 + condomínio DE aproximadamente R$ 220,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO Residencial no Xaxim - Rod. BR-116 (Linha Verde), 17844 apto 806 bl 03, com 57M², 2 dormitórios, sendo 01 suíte, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Spazio Carmenere. Valor da locação R$ 700,00 + condomínio de aproximadamente R$ 250,00. Creci J 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO residencial no Capão Raso - Rua Marechal Otavio Saldanha Mazza, 6650 apto 604 BL 03, com 70m² - 2 dormitórios, sendo 01 suíte, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem. Res. Spazio Canto Dolce - Valor da locação R$ 790,00 + condomínio de aproximadamente R$ 250,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO residencial no Capão Raso - Rua Atilio Brunetti, 1349 apto 442 bl B, com 70m², 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Santelmo - Valor da locação R$ 790,00 + condomínio de aproximadamente R$ 130,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO residencial no CIC - Rua Senador Accioly Filho, 1240 apto 32 bl 04, com 50m² - 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Visconde de Cairu - Valor da locação R$ 500,00 + Condomínio de aproximadamente R$ 230,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

CURITIBA

APARTAMENTO Residencial no Capão Raso - Rua Jose Pereira de Araujo, 213 apto 1305, com 54m², 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Res. Village de Mônaco Valor da Locação R$ 600,00 + condomínio de aproximadamente R$ 200,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600

APARTAMENTO Residencial no Pinheirinho - Rua Guilherme Mazeto, 350 apto 11 bl B, com 54m² - 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Marselha - Valor da locação R$ 700,00 + condomínio de aproximadamente R$ 200,00. Creci J 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO residencial no Fazendinha - Rua Alfredo Jose Pinto, 1640 apto: 13 BL: 07, com 53M², 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem. Res. Morada do sol. Valor da locação R$ 700,00 + condomínio de aproximadamente R$ 200,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600

APARTAMENTO Residencial no Alto Boqueirão - Rua Max Schubert, 400 apto 04 BL 06, com 56m², 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de estacionamento. Res. Funcionalismo - Valor da locação R$ 600,00 + condomínio de aproximadamente R$ 130,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600

APARTAMENTO Residencial no Xaxim - Rod. BR-116 (Linha Verde), 17906 apto 207 bl 05, com 55m², 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem nº 297. Res. Spazio chardonnay Valor da locação R$ 750,00 + condomínio de aproximadamente R$ 140,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO residenci-

APARTAMENTO Residenci-

VENDA

CONDOMÍNIO CENTRAL PARK, bairro Nações, casas com 38m², sendo 02 dorm, sala,coz., bwc,área de serviço. Projeto Minha Casa Minha Vida a partir de R$ 100.000,00, sinal R$ 500,00. Faça sua reserva, disponibilidade limitada. MMD Inc.Part.Ltda. Fone 3627-2037. creci J 0158.CURITIBA

LOCAÇÃO

APARTAMENTO Residen-

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014 al no Novo Mundo - Rua Irmãs Paulinas, 5281 apto 35 bl B, com 75m², 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço, sacada e vaga de garagem. Res. Nova Brasília - Valor da locação R$ 650,00 + condomínio de aproximadamente R$ 250,00. Creci J 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 APARTAMENTO residencial no Novo Mundo - Rua Olga de Araujo Espindola, 1360 apto 34 bl O, com 55m² - 2 dormitorios, sala, cozinha, banheiro, area de serviço e vaga de garagem fechada com 1 churrasqueira e 1 bwc. Res. Paequere II - Valor da Locação R$ 690,00 + condomínio de aproximadamente R$ 200,00. Creci J 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 CASA residencial Xaxim Rua Pedro Siemens, 1040, casa 04, com 110m², 3 dormitorios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem. Valor da locação R$ 1300,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 SOBRADO Residencial no Umbará - Rua Mercedes Irene Bonatto Scroccaro, 150, com 98m², 3 dormitórios, 01 suíte, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem. Valor da locação R$ 1000,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600 KITINETES residenciais no Jardim das Américas - Rua Joaquim Lacerda, 465, ap 02 e ap 03. - cada uma com 35m², 1 dormitórios com cozinha conjugada e banheiro. Valor da locação de cada kitinete R$ 500,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 SALA comercial no Capão Raso - Rua Jose Pereira de Araujo, 391 loja 01, com 60m² - sala com um banheiro social. Valor da locação R$ 800,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 SALA comercial no Sitio Cercado - Rua Jussara, 2824 loja, com 70m², com um banheiro social. Valor da locação R$

1.700,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600. SOBRADO Residencial no Xaxim - Rua Cristiano Strobel, 3370 sobrado 23, com 62 m², 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço, churrasqueira e 02 vagas de garagem - valor da locação R$ 950,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600.

de Lima Godoy, 176, sobrado 03, com 240m², 5 dormitórios, 2 salas, cozinha, 2 banheiros, lavabo, sacada, churrasqueira, central a gás e vaga de garagem. Valor da locação R$ 2300,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212--4600 FAZENDA RIO GRANDE

SOBRADO Residencial no Umbará - Rua Coronel Guilherme Theodoro Buest, 370, com 56 m² 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro e vaga de garagem. Valor da locação R$ 800,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600.

APARTAMENTO no bairro Santa Terezinha, Avenida Paraná n°2186, apto 21, com 65m² sendo 2 dorm, banheiro, sala, cozinha, lavanderia e vaga para carro. Valor R$650,00 +condominio. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

SOBRADO residencial no Fazendinha - Av. Alcir Martins Bastos, 94, parte superior, com 91m², 2 dormitorios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga de garagem. Valor da locação R$ 1.000,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO no bairro Eucaliptos, Rua Três Marias, 369, apartamento 101, com 64m², 3 quartos, banheiro, sala, cozinha, churrasqueira, garagem coberta. Valor da locação R$ 770,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

SOBRADO residencial no Xaxim - Rua 1º de Maio, 119, parte superior, com 100m² - 3 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e entrada para carro. Valor da locação R$ 800,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600

APARTAMENTO à Rua Canadá n°175 apto 05, 02 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor da locação R$600,00 + condomínio. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

SOBRADO residencial no Tatuquara - Rua Julio Salsamendi, 340, esquina, com 78m², 3 dormitorios, sala, cozinha, banheiro, lavabo, área de serviço e vaga de estacionamento. Valor da locação R$ 1.000,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600 COMERCIAL | COLOMBO BARRACÃO comercial no Colombo no Bairro Parque Monte Castelo - Rua Marcos Cardoso, 202, com 300m², com banheiro e com 2 salas e cozinha. Valor da locação R$ 1.000,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3212-4600. PINHAIS SOBRADO Residencial em Pinhais - Pineville - Rua Odinei

APARTAMENTO no bairro Eucaliptos, Rua Três Marias n°369, apto106, sendo 02 dorm, sala, cozinha, banheiro, lavanderia e garagem coberta. Valor R$ 650,00 +condomínio. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 ANUNCIE 3627-1997


A SEMANA CASA no Bairro Iguaçu, Travessa Rio Nunes n°211, com 122m² em alvenaria, 3 quartos, sala, cozinha, área de serviço e garagem. Valor da locação R$ 750,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA no Bairro Pioneiros, Rua Francisco Quirino dos Santos n°277, casa 01, , com 70m², 3 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga coberta para carro. Valor da locação R$ 800,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA na Rua São Manoel, 147, casa 01, com 44m², 2 quartos, banheiro, sala, cozinha, área de serviço. Valor da locação R$ 600,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASAnaRuaSãoManoel,147, casa02,com44m²,2quartos,banheiro, sala, cozinha, área de serviço. ValordalocaçãoR$600,00.CreciJ-747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA na Rua Escócia n°746, com78m²,3dormitóriossendoumsuíte, 2 salas sendo uma de jantar, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor da locação R$ 700,00

14 a 20 de fevereiro de 20144 reais. Creci J - 747.AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA na Av. Brasil n°1283, 70m², 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor da locação R$ 650,00 reais. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA o bairro Pioneiros, à Rua Manuel Claudino Barbosa, 1710, com 90m², 3 quartos, sala, cozinha e copa, banheiro, área de serviço e garagem. Valor do aluguel R$ 1.200,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA no bairro Eucaliptos, à Rua Coqueiro, 1054, casa 1, com 56,40m², 3 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor do aluguel R$ 700,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160. CASA no bairro Eucaliptos, à Rua Coqueiro, 1054 casa 2, com 45m², 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço. Valor do aluguel R$ 550,00. Creci J 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA no bairro Gralha Azul, Rua Marabu, n° 499, com 55m², sendo 02 dorm, sala, co-

zinha, banheiro, área de serviço e vaga para carro. Valor R$ 450,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

do um suíte, 2 salas, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor R$700,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

CASA no bairro Santa Terezinha, Rua Jaguariaiva, n° 1786, casa 95, com 44m², sendo 02 dorm, sala, cozinha, banheiro vaga para carro. Valor R$ 500,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

COMERCIAL

CASA no bairro Jardim Palmeiras l, Rua Carriças n° 109, casa 02, sendo 03 dorm, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e vaga para carro. Valor R$ 600,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160. CASA no bairro Estados Rua Matinhos n° 1358, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro e entrada para carro. Valor R$ 400,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA no bairro Santa Terezinha, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e garagem. Valor R$600,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 CASA no bairro Nações, Rua Escócia n°746, 3 quartos sen-

LOJA no bairro Nações, Av Paraguai n°781, esquina com Equador n°665, loja 01, com 43m² contendo 01 banheiro. Valor R$ 600,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 LOJA no bairro Eucaliptos, Rua Castanheira n°393, sala com 42m², contendo 01 banheiro. Valor R$800,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 LOJA no bairro Santa Terezinha, Rua Santa Rita de Cássia

Classificados 23

n°2039, 97m², contendo 01 banheiro. Valor R$1.000,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160 LOJA no bairro Santa Terezinha, Rua Santa Rita de Cássia n°2047, 73m², contendo 01 banheiro. Valor R$700,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

AW Imóveis. Fone 3608-1160 SALA no bairro Nações, Av. Paraguai n°781 esquina com Equador n°665, loja 06 com 42m², contendo 01 banheiro. Valor R$ 600,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

SALA no bairro Nações, Av. Brasil n°2422, sala 02, 24m², contendo 01 banheiro. Valor R$400,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160

SALA no bairro Pioneiros, Rua Manoel Claudino dos Santos n°1482 esquina com Cesar Carelli, sala 107, com 60m², contendo 01 banheiro. Valor R$ 500,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160.

SALA no bairro Nações, Av. Paraguai n°781 esquina com Equador n°665, sala 05 com 44m², contendo 01 banheiro. Valor R$ 600,00. Creci J - 747.

SALA na Rua Macau,45, loja 02, com 62,20 m², contendo um banheiro. Valor da locação R$900,00. Creci J - 747. AW Imóveis. Fone 3608-1160


24

Esportes

Coritiba "estreia" no Estadual fora da área de classificação A experiência de jogar as cinco primeiras rodadas do Campeonato Paranaense com um time alternativo, formado por jogadores jovens formados na base e capitaneados pelo atacante Keirrison não surtiu o efeito desejado pela comissão técnica e diretoria do Coritiba. Jogadores como Zé Rafael e Dudu que já haviam recebido oportunidades no time principal no ano passado e poderiam se destacar para se firmar com a camisa coxa-branca, decepcionaram e sequer foram relacionados para o restante da competição. Agora, ao entregar o time com apenas cinco pontos em cinco jogos fora da área de classificação à próxima fase, os garotos terão que torcer de fora pelo time principal que estreia, nesta sexta-feira, contra o Rio Branco, no Couto Pereira sob o comando de Alex & Cia. Do time alternativo, o técnico Dado Cavalcanti integrou cinco jogadores, sendo apenas duas "caras

novas": o volante Paulo Otávio e o hábil meia Denner. Outros três atletas, o zagueiro Bonfim e os atacantes Anderson Aquino e Keirrison, estes escalados para retomar ritmo de jogos após longo tempo de recuperação por contusões, já são velhos conhecidos do torcedor. O técnico Dado Cavalcanti sabe que após o decepcionante início do clube no Estadual, a estreia da equipe principal já vem acompanhada pela pressão por resultados. "Temos que analisar que foi feito um planejamento pensado no ano. Nós valorizamos muito a pré-temporada e essa busca por um resultado mais consistente durante o ano inteiro. Óbvio que esperávamos estarmos um pouco melhor em relação ao número de pontos, mas nada de muito preocupante e tão fora do que imaginávamos", minimizou Dado. Com uma longa prétemporada, Dado tem poucas dúvidas na formação do time e deve entrar em campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida,

Luccas Claro e Carlinhos; Junior Urso, Gil, Germano e Alex; Roni e Deivid. Dado fez outros testes nesta semana como o lateral-direito Moacir, o volante Willian e o meia Norberto - nas vagas de Victor Ferraz, Gil e Germano, respectivamente. Dado quer um time mais veloz, sem depender tanto da habilidade e poder de decisão de Alex."Treinamos para isso e é o que a gente espera. Vamos buscar ter bastante velocidade no jogo", afirmou. Para esses primeiros jogos da equipe, a preocupação da comissão técnica passa também pela falta de ritmo do time, que está em reta final do processo de preparação. "Esse grupo vai iniciar a competição no momento em que os adversários já estão bem. Mas agora vamos buscar esses pontos que ficaram para trás e começar quem sabe com o pé direito na sextafeira", finalizou Dado Cavalcanti. (DR)

Ricardo Conceição tem volta garantida no Paraná Com o ambiente melhor na Vila Capanema após o time quebrar a sequência de três derrotas seguidas com uma vitória convincente sobre o Operário, na última rodada, o Paraná enfrenta neste domingo o Prudentópolis. O time que contabilizou essa semana a

A SEMANA

- 14 a 20 de fevereiro de 2014

chegada do 18º reforço, o volante Elton (ex-Criciúma), teve mais uma boa notícia: a recuperação de Ricardo Conceição, afastado por duas semanas por contusão. O técnico Milton Mendes que ficou ameaçado no cargo, trabalhou mais aliviado durante a semana e dis-

se que o time teve 'atitude" para vencer, depois de jogar bem em outros compromissos e sair derrotado no placar. Diante do Prude, Mendes deve manter a formação que superou o Fantasma, com exceção da saída de Elyeser e entrada de Ricardo Conceição.

Giro Esportivo

Copa do Mundo, eu quero. Mas também quero dinheiro pra saúde e educação! A partir desta edição até o encerramento da Copa do Mundo do Brasil 2014 estaremos utilizando este espaço para levar ao público nosso protesto em relação aos gastos para a realização de tal evento. Muito já se viu em relação àqueles que se opõe ao Mundial, no entanto em 2007 estavam aplaudindo quando o Brasil foi escolhido. Se esse povo era contra sediar a Copa, poderiam ter se manifestado lá trás. Enfim, por causa dos investimentos no Mundial e a manutenção das precárias condições em diversas áreas essenciais, movimentos populares jamais vistos no País ecoaram e chamaram a atenção das autoridades. Os gritos iniciais foram contra o aumento de tarifas de ônibus, mas rapidamente, outros injustiças históricas como a corrupção no País pautaram os protestos. A Copa do Mundo, com o enorme gasto esti-

pulado em R$ 30 bilhões, numa conta ainda não fechada e já superior ao dos últimos três Mundiais, somados, entrou na gama de reivindicações devido à infindável farra de dinheiro público. Apoio a manifestação nacional, pois é mesmo necessário "acordar o gigante". Não é nem preciso explicar o quanto poderia ser melhor o Brasil. Sobre a Copa, contudo, discordo. O Mundial em si não soa como problema. A gestão dos recursos, sim. A economia brasileira é a sétima maior do mundo, com um PIB de US$ 2,396 trilhões. Há dinheiro para Copa, que é de fato uma conquista para o País e para a população, e sobretudo para saúde e educação. Novas arenas foram erguidas, num ganho em estrutura. Os aditivos, escorrendo em quase todas as arquibancadas do Brasil, é que não estavam na conta - ainda mais com a promessa de mais capital privado. Somente os seis pal-

cos da Copa das Confederações custaram 33,1% a mais que a previsão inicial. Com ou sem Copa haveria recursos para saúde, educação, transporte, segurança etc. Infelizmente, existe numa escala maior a má administração pública da verba. O superfaturamento é visto há tempos em hospitais e escolas. Portanto, nós do jornal A SEMANA nos posicionamos a favor da Copa do Mundo aqui, inclusive em Curitiba, cidade referência para o Brasil. Contudo, não se pode esquecer, por um segundo sequer, das verdadeiras necessidades de um país ainda em desenvolvimento. Daí, a importância do grito popular. Se a manifestação pacífica, como deve ser, visa o fim da corrupção enraizada, isso se estende à própria organização do Mundial, mas não ao torneio, confirmado desde 2007. Relembrando frase de Nelson Rodrigues: "Das coisas menos importantes, o futebol é a mais importante."

Imagem do País da Copa Pacientes são atendidos no chão na emergência do Salgado Filho Rio - Pacientes atendidos no chão e até na bancada dos armários. As cenas registradas por profissionais de saúde do Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, foram enviadas ao Conselho Regional de Medicina do Rio (Cremerj).

Edição 320  

De 14 a 20 de fevereiro de 2014

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you