Page 1


ESTE FOLHETO É PARTE INTEGRANTE DO ACERVO DO BEHETÇOHO EM FORMATO DIGITAL, SUA UTILIZAÇÃO É LIMITADA. DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS.


INFORMAÇÕES SOBRE O PROJETO O Acervo Eletrônico de Cordéis do Behetçoho é uma iniciativa que pretende dar consequências ao conceito de (com)partilhamento dos artefatos artísticos do universo da oralidade, com o qual Behetçoho e Netlli estão profundamente comprometidos.

INFORMAÇÕES SOBRE A EQUIPE A equipe de trabalho que promoveu este primeiro momento de preparação e disponibilização do Acervo foi coordenada por Bilar Gregório e Ruan Kelvin Santos, sob supervisão de Edson Martins.

COMPOSIÇÃO DA EQUIPE Isabelle S. Parente, Fernanda Lima, Poliana Leandro, Joserlândio Costa, Luís André Araújo, Ayanny P. Costa, Manoel Sebastião Filho, Darlan Andrade e Felipe Xenofonte


JOSÉ SOARES

A CHEIA DO CAPIBARIBE

1977


Dia primeiro de maio Dia do trabalhador A população Ribeirinha Sofria golpe de dor Acordavam apavorados Com esse quadro de horror A famosa CODECIP Tristonhamente informava Que vinha um grande cheia Era o que se comentava E as sete da matina A grande cheia chegava

O nosso governador A maior autoridade pedia a população Com calma e tranquilidade Que Deus desse a cada um Espírito de humanidade


Nosso povo do Recife Assisti mais um drama Em ver sua residência se tornar num mar de lama sem poder se levantar sequer de cima da cama

A primeira vítima foi Antonio Francisco de Andrade Que foi salvar um amigo Da negra infelicidade Morreu eletrocutado Foi uma fatalidade

Foi uma calamidade De São Lourenço a Cordeiro Camaragibe e Aldeia Foi enorme o desespero Quando se ouviu a notícia Chegada de Limoeiro


A ponte de dois irmãos Foi a primeira a cair A ponte da Madalena Começou logo a ruir Os transeuntes pararam Sem ter por onde seguir

Todo Corpo de Bombeiro A Sudene e o Detran A industria e a prefeitura Trabalhava com afam De onze hora da noite Até sete da manhã Dr. Moura Cavalcante Teve uma ideia divina Quando mandou reabrir os postos de gasolina e acompanhou a cheia em toda sua rotina


Eu achei muito louvável O gesto do presidente Mandou um ministro seu Reanimar nossa gente O ministro Rangel Reis Conosco estava presente

A nossa imprensa falada Primeiro deu o alarde Dizendo que a cheia forte Era seis horas da tarde Cresceu a expectativa De quem mor na cidade O repórter Geraldo freire Como Manoel Queiroz No Azulzinho da Olinda Eles trabalhavam a sós Através da Rádio Olinda Dava notícia pra nós


A Clube de Pernambuco Numa ação sub-humana Dava notícia garbosa Através de Zé Santana Que catava subssídio Pela zona suburbana

Rádio Jornal do Comércio Uma fonte informativa Através de Walter Spenser Zé Carlos e Fernando Silva Jader de Bastos também Trazia notícia viva A comissão Guararapes Fez uma convocação Quero dizer um apelo A toda população Pedindo para ajudá-lo No seu programa de ação


Rádio Repórter também Botou a disposição Seu famoso microfone Servindo a população Um gesto muito bacana Teve sua direção

Várias empresas privadas A Mesbla e a Prefeitura Tiveram nessa sequencia Esse ato de bravura Também a secretaria De saúde e de cultura

Eu graças a providência Me salvei com todos meus Pedindo felicidade Para a salvação dos seus Levando santos louvores Ao ser encreado DEUS


Quase todo mundo sofre Consequência da enchente Que além de levar tudo Deixa o pessoal doente Que só tem uma tendência Crescer gradativamente

Quem mora nas Ribeirinha Do Rio Capibaribe Em São Lourenço e Tiuma Paudalho e Camaragibe Caxangá e Mustardinha Macaxeira e Beberibe Secretaria de saúde Enviou Amplicilina Louvado seja os doutores Da sagrada medicina Com remédio injetável Como bem Penicilina


No campo Bebinho Salgado As águas bateu no peito Parecia um mar de Espanha Ninguém podia dar jeito A Rua Silva Ferreira As águas levou de eito

O canal da Tacaruna Pertinho do viaduto Acho que o ponto crítico Seria nesse reduto Nas ruas daquele bairro Não tinha um casebre enxuto Dr. José Jorge de Lima Secretário de Educação Mandou suspender as aulas 3 dias com precisão Somente na quinta feira Terá continuação


Conforme dados concretos Quatro mil desabrigados Dessa quantia três mil Já estão agasalhados Ainda tem muitos lugares Pra colocar flagelados Somente na CONDECIP Tem 130 abrigo Para acumular os pobres Que sofrem esse castigo Graças a Deus essa cheia Não trouxe muito perigo

Nosso corpo de bombeiro Também foi um baluarte Pois os soldados do fogo Trabalhavam em toda parte Pois o Corpo de Bombeiro Trabalhava com muita arte


O Governo suspendeu A toda festividade Social e esportiva Não houve solenidade Respeitando as consequências Da grande calamidade Outra coisa que o Governo Tomou medida também Durante o dia completo Foi aberto o Compre Bem Servindo a necessidade Que sempre a pobreza tem

Diante da perspectiva O povo tem esperança As águas foram embora Deixou pra nós a herança Os escombros e os detritos Deixou em nossa lembrança


Quem comprar esse folheto A chuva não lhe aperreia Não derruba sua casa Também não morre na cheia Vai morrer na minha casa Com almoço janta e ceia. FIM


A cheia do capibaribe  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you