Page 1

Ano 2 - número 12 - setembro de 2006

Semana de Artes Gráficas de Ribeirão Preto reúne empresários da região Evento contou com palestras e cursos sobre os principais tem as de interesse da indústria gráfica As atividades educacionais da 1a Semana de Artes Gráfica de Ribeirão Preto foram oficialmente iniciadas com a palestra “A tecnologia vai trans­ formar as nossas empresas”, apresentada por Reinaldo Espinosa, dire­ tor financeiro do Sistema Abigraf e diretor comercial da RWA Gráfica. O programa foi dividido em três Fóruns: Gestão, Técnico e Vendas (Es­ cola de Vendas Mário César de Camargo), que aconteceram na Escola Senai Engenheiro Otávio Marcondes Ferraz.

Alfried Plóger e

Os próximos eventos acontecerão em São José dos Campos, São José do Rio Preto e Campinas. Mais informações pelos telefones: (11)6097-6700 ou 5087-7777.

Ceregato

De 21 a 25 de agosto, a cidade de Ribeirão Preto assistiu as atividades da 1a Semana de Artes Gráficas, projeto voltado à melhoria da capaci­ tação técnica e de gestão da indústria gráfica do interior do Estado, que tem promoção do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo (Sindigraf-SP) e da Associação Brasileira da Indústria Gráfica Re­ gional São Paulo (Abigraf-SP), e realização da Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica (ABTG). A abertura do evento ocorreu no Taiwan Hotel e reuniu cerca de 60 pessoas, entre empresários, profissionais e personalidades da região. A cerimônia, conduzida pelo presidente da Abigraf-SP, Alfried Plõger, ao lado do vice-presidente da Abigraf Seccional Ribeirão Preto, Levi Cere­ gato, contou com a presença do prefeito da cidade, Welson Gasparini; o Delegado Regional do Trabalho, Paulo Cristino; o vereador Nicanor Lopes; o presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Jorge Marcos de Souza; e o diretor da Escola Senai Engenheiro Otávio Marcondes Ferraz, Reginaldo Dias de Souza. O prefeito do município discursou sobre a importância do evento para a região. “O parque gráfico de Ribeirão Preto tem participação impor­ tante na economia da região. Essa troca de experiências é muito enriquecedora para o nosso Estado e para o País como um todo”, ressaltou Gasparini. Para o vice-presidente da Abigraf Seccional Ribeirão Preto, a realização de um evento desse porte abre novos horizontes para o setor na região, que comporta cerca de 200 gráficas e emprega aproxi­ madamente 2.000 pessoas. “A capacitação é uma inciativa muito impor­ tante, visto que muitas vezes, por estarem afastados da capital, nossos profissionais não têm acesso às novas tecnologias e novos processos”, destacou Ceregato.

índice: Página 2 Abigraf-SP inaugura biblioteca em Monte Castelo

Página 3 Balança comercial dá salto de 299% no primeiro semestre Página 4 Escola PaperBrasil já é a maior feira nacional do setor Página 6 Confira a programação de cursos da ABTG

Página 7 Entrevista: Francor Indústria Gráfica

Visite o portal do Sistema Abigraf. Os sites da Abigraf Nacional (www.abigraf.org.br), Abigraf Regional São Paulo (www.abigrafsp.org.br), ABTG (www.abtg.org.br) e Sindigraf-SP (www.sindigraf.org.br) estão mais dinâmicos, agregam novas ferramentas e as mais recentes tecnologias. Visite os sites e confira todos os benefícios que o Sistema Abigraf estende aos associados na Internet. 1


A B IG R A F - S P /A s s o c ia ç ã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional São P aulo

lu l

- Editorial

Combatendo a pirataria

Alfried Plòger, Presidente da A bigraf-SP

Os conhecidos obstáculos para o crescimento econômico nacional ganharam um reforço nos últimos anos: o da pirataria, do contrabando e dos beneficiários da indústria de liminares, que conseguem funcionar sem pagar os impostos que os cumpridores da lei recolhem. Um exemplo emblemático do problema é a cópia ilegal de livros, que — literalmente — rouba milhões de reais por ano de autores, editores e in­ dústrias gráficas. A grande parcela do setor produtivo que batalha diariamente para conquistar mercado, expandir suas operações e gerar renda e empre­ go tem uma história de lutas contra as condições desiguais de concorrência. Os empreendedores do País já sofreram muito com reservas de merca­ do e incentivos indevidos a segmentos escolhidos a dedo. O Brasil já desper­ diçou um tesouro de talentos, recursos e ambições legítimas de crescimento em decorrência de políticas equivocadas que geraram desigualdade na concor­ rência. O governo vem se esforçando para combater estes males, mas sem ataque a questões estruturais como a

alta carga tributária, as raízes do pro­ blema não serão realmente atingidas. Os produtos falsificados e pirateados, naturalmente, nada pagam de tributos. As estimativas são de que os governos federal e estadual deixam de arrecadar R$ 1 bilhão de fabricantes que operam na área cinzenta das liminares e de outros truques e R$ 700 milhões da parte de mercado suprida por produtos de contrabando. Combatemos a pira­ taria porque esta deve ser uma preo­ cupação de todas as entidades sérias, de qualquer segmento. Este é também um problema que afeta diretamente companhias de capital aberto que, por sua própria natureza, operam em total formalidade, com todos os seus custos, maiores na proporção em que é nelas que o governo busca não apenas os tributos justos, mas também os que co­ brem a perda de arrecadação causada por pirataria, contrabando e evasão fiscal, sem contar a estratégia de em­ presas estabelecidas que deixam de recolher impostos graças a uma trama de liminares judiciais.

Abigraf-SP inaugurou mais uma biblioteca no interior do Estado de São Paulo Para incentivar a prática da leitura, a Abigraf-SP doou à cidade de Monte Cas­ telo, no interior de São Paulo, 600 livros — todos recomendados pela Secretaria de Estado da Cultura — e um computador equi­ pado com os softwares necessários para seu funcionamento. A inauguração aconteceu em 25 de agosto e contou com as presenças do prefeito do município, Odair Silis (PMDB) e do presidente da Abigraf-SP, Alfried Plòger, dentre outras autoridades. A iniciativa faz parte do programa “São Paulo: um Estado de Leitores”, lançado em 2003 pela Secre­ taria de Estado da Cultura, com apoio da iniciativa privada. O objetivo do projeto, além de despertar o prazer da leitura, é zerar o

número de municípios paulistas sem biblio­ tecas públicas. Simultaneamente, a entidade lançou um concurso literário para crianças e adolescentes do município. Com base em um livro da biblioteca, elas deverão escrever uma redação, que será avaliada por repre­ sentantes da entidade e professores de por­ tuguês. Os vencedores e seus professores ganharão uma viagem, com direito a acom­ panhante, para passar um final de semana na cidade de São Paulo. A Abigraf-SP já patrocinou a insta­ lação de outras quatro bibliotecas: duas na região de São José do Rio Preto e duas na região de Ribeirão Preto. 2

Síllis,

Plòger eGoldfarb na inauguração oficial


A B IG R A F - S P /A s s o c ia ç ã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional S ão Paulo

Hk\l

Balança comercial de produtos gráficos dá salto de 299% no primeiro semestre Exportação de cadernos é responsável pelo aumento das exportações. Setor de embalagens perde competitividade na exportação devido à valorização do Real

Após a crise sofrida no ano de 2005, as exportações de produtos gráficos bra­ sileiros voltaram a crescer. O volume ex­ portado no primeiro semestre de 2006 foi de US$ 143,75 milhões, sendo que no ano passado foram US$ 89,73 milhões. Os dados são do Departamento de Estu­ dos Econômicos (Decon/Abigraf).

Somando as importações realizadas nos primeiros meses deste ano, temos US$ 94,16 milhões, 16,31% a mais que em 2005. O saldo da balança comercial foi o que mais cresceu, se compararmos com o mesmo período do ano passado, pois foi registrado um saldo positivo de US$ 49,59 milhões neste ano, contra US$ 12,44 milhões no ano passado. A indústria de cadernos foi a que mais favoreceu para que o desempenho das exportações melhorassem. O segmento exportou US$ 54,13 milhões, 157,84% a mais que no mesmo período de 2005. Isso foi possível graças ao aumento

das salvaguardas norte-americanas à importação de produtos da China. Já o segmento de embalagens, que normal­ mente contribui de forma positiva para a balança comercial do setor, tem perdido competitividade em função da valoriza­ ção do Real frente ao dólar. As expor­ tações no período cresceram 15,71%, representando US$ 33,87 milhões. En­ quanto as importações tiveram cresci­ mento de 65,36%, atingindo US$ 9,07 milhões.

. Notícias do setor

AFlint Group Printing Plates,

representada no Brasil pela Gutenberg, lançou o nyloflex® infinity, uma tecnologia que permite a produção de sleeves sem emendas, proporcionando a impressão continua de imagens, o que hoje é uma limitação na flexografia. No sistema nyloflex® infinity, a chapa nyloflex® h será cortada em uma mesa de corte especifica para essa nova tecnolo­ gia, aplicada sobre a camisa em um mon­ tador de clichês e passará pelo processo de emenda, passando a formar uma única matriz, sem qualquer emenda. Depois, receberá uma camada ne­ gra através do nyloflex® sleeve coater e poderá ser sensibilizada com qualquer CtP disponível no mercado com possibilidade de receber camisas. Após a sensibilização, a chapa é levada ao conjunto formado pelos nyloflex® sleeve exposure & light finisher, nyloflex® sleeve processor e nyloflex® sleeve dryer.

A Suzano Papel e Celulose inaugurou unidade de negócios na Flórida

O objetivo é fortalecer presença na Améri­ ca do Norte e preparar a comercialização dos produtos originados da aquisição de parte das operações da Ripasa e da entrada em atividade da segunda linha de celulose da Unidade de Mucuri, em 2007. A Markzware,

fornecedora de softwares para preflight, extração de dados e conversão, anunciou em agosto o lançamento da ferramenta de conversão ID2Q7 - InDesign. Trata-se de um software XTension que converte arquivos de InDesign do Adobe em documentos QuarkX­ Press versão 6.x ou 7, com um único clique. A Braga Produtos Adesivos está produzindo papel para etiquetas coloridas em termotransfer 7560 - A530, material aliado

ao adesivo de alta qualidade, que facilita a adesão em embalagens. Os produtos são adesivados e confeccionados em papel fluores­ cente e colorido - o que os torna ideais para identificação no setor de logística. 3

A Starlaser é a nova representante no Brasil da OneVision, empresa alemã especializada em sistemas de workflow. A OneVision passou a operar com uma subsidiária no Brasil em 1° de janeiro deste ano para atender toda a América Latina. Cresce o portfólio de equipamentos para préimpressão da Agfa Graphics

O CtP térmico: Avalon SF é o mais novo integrante da linha: Avalon. Além de tra­ balhar com chapas 980 x 690mm, sua flexi­ bilidade permite que seja atualizada para formato 8Up (1160 x 820mm), disponibili­ zando assim um modelo entre os formatos 4Up e 8Up. Heidelberg colocou a nova geração da Printmaster PM 74 em demonstração na Print Media Academy

O equipamento tem tinteiro com maior estabilidade no equilíbrio entre tinta x água e reação mais rápida, possui lavadores automáticos de blanqueta e contrapressão e sistema de colocação de chapas Autoplate.


IIAI d

A B IG R A F - S P /A s s o c ia ç ã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional S ão P aulo

Seminário sobre Nota Fiscal Eletrônica Em 30 de agosto, a Abigraf Regional São Paulo e a Abraform promoveram seminário sobre aplicação prática da Nota Fiscal de Serviços por meio eletrônico, ou NF-e Municipal, criada em julho deste ano pela Prefeitura de São Paulo, e que entrou em vigor a partir de 1o de setembro. As atividades foram conduzidas por uma equipe do IOB Thomson, uma das maiores empre­ sas do mercado na área de informações empresariais, que atende a diversos segmentos, especialmente o financeiro, jurídico, contábil e tributário. O objetivo da Abigraf - SP e da Abraform é levar esclarecimento aos empresários do setor, integrado, em sua maior parte, por gráficas de micro e pequeno portes, os principais alvos da nova lei tributária, que estabelece que empresas do município de São Paulo, com receita bruta de serviços em 2005 igual ou superior a R$ 240 mil ficam obrigadas a emitir a NF- e via Internet.

ABTG faz lançamento de Normas Técnicas A Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica (ABTG) lançou, em 29 de agosto, seis Normas Técnicas de materiais de ensino e aprendizagem, no simpósio que inte­ grou a programação da 20a Escolar PaperBrasil - Feira Inter­ nacional de Produtos, Serviços & Tecnologia para Escolas, Escritórios e Papelarias. O evento foi aberto pelo presidente da entidade, Fabio Arruda Mortara, que falou sobre o trabal­ ho realizado pela Comissão de Estudos CE 27:002.04, da ONS 27, organismo da ISO do qual a ABTG é integrante. As seis normas especificam padrões para blocos e cadernos e foram apresentadas por Artur dos Santos (da Spiral do Brasil) e Ivan Bignardi (da Jandaia), que é diretor setorial do Grupo Empresarial de Cadernos (GE-CADE), da Associação Bra­ sileira da Indústria Gráfica Regional São Paulo (Abigraf-SP).

Estande Abigraf na Escolar, onde a ABTG fez o lançamento das normas.

Abigraf na Escolar PaperBrasil 2006 A Abigraf-SP participou, como patrocinadora e com estande próprio, da 20a Escolar PaperBrasil - Feira Interna­ cional de Produtos, Serviços & Tecnologia para Escolas, Es­ critórios e Papelarias. A feira aconteceu de 28 a 31 de agosto, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. Na abertura do evento, o presidente da entidade, Alfried Plõger ressaltou a importância da feira para o Pais. “A Escolar Paper­ Brasil é o grande portal do mercado de volta às aulas. Além de gerar excelentes rodadas de negócios para as empresas expositoras, também garante bons resultados no comércio externo, no qual, tradicionalmente, suscita incremento de cinco por cento nas vendas de artigos de papelaria”.

Abertura olkiot tta 20* Escolar PaperSrasil

4


A B IG R A F - S P /A s s o c ia ç ã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional São Paulo

Conferência do GIRO reuniu mais de 400 pessoas Com o tema “Rentabilidade: Foco Permanente", a IX Conferência Anual do GIRO (Grupo de Impressores com Rotativa Offset), realizada em 16 de agosto, reuniu no Novotel Center Norte, na capital paulista, os principais líderes e profissionais do mercado gráfico brasileiro, além de fornecedores do setor. 0 evento contou com cerca de 400 participantes, distribuídos pelos quatro fóruns: estratégico, gerencial, técnico de impressão e técnico de pós-impressão. O grande destaque da edição 2006 foi a preocupação de fornecer instrumentos de planejamento estratégico e de gestão, além de quebrar paradigmas das novas tecnolo­ gias de impressão, tornando todas as novidades aliadas do crescimento do setor, independentemente da concorrência entre as empresas que o integram.

Carlos Jacomine na abertura do evento

O sistema híbrido no bate-papo da ABTG

ASSO CIAÇAO BRASILEIRA DE TECNOLOGIA

G R A F I C A

Em 7 de agosto, a ABTG prom oveu mais uma edição do program a “Bate-papo com a tecnologia”. O convidado foi o em presário Reinaldo Espinosa, que relatou a experiência da RW A G ráfica. Com o tem a “Equilíbrio e integração entre a im pressão digital e offset", o palestrante relatou a trajetória da em presa na adoção do sistem a híbrido. A inovação digital im pulsionou outras áreas de negócios da em presa, com o a pré-im pressão e a im­ pressão tradicional em offset. Ao final do prim eiro ano com o novo sistem a, o crescim en­ to registrado foi de 40,85% . “Não som os m ais apenas im pressores, som os em presários focados na gestão. Penso que, para ganhar m ercado, não basta otim izar a produção e sim oferecer soluções", com entou Espinosa.

CERTIFICADA ISO 9002

Vem aí o 16° Prêmio Pini As inscrições para o 16° Prêm io Brasileiro de Excelência G ráfica Fernando Pini term inaram em 21 de setem bro. Se você está participando, é hora de com eçar a torce r pela sua em presa. A pós uma pri­ m eira seleção, os produtos finalistas integrarão uma exposição que vai de 16 de outubro a 1o de novem ­ bro de 2006. A cerim ônia de prem iação acontecerá em 28 de novem bro, no Espaço Barra Funda, e contará com apresentação da jornalista da TV Globo, Renata C eribelli, e show de Alceu Valença. Para saber mais acesse http ://w w w .fernandopini.org.br.

Peça premiada com o “Grand Prix de Melhor Impressão ", em 2005

5


Abigraf realiza palestra com o economista Roberto Macedo AA bigraf promoverá, em 17 de outubro, palestra com o professor Roberto Macedo. Em sua apresentação, o econo­ mista, formado pela USP com Mestrado e Doutorado pela Universidade de Harvard (EUA), abordará temas como conjuntura econômica brasileira e perspectivas fu­ turas. O profissional realiza palestras para grandes empresas e entidades de classe. Agora é a vez dos associados

Cursos ABTG

da Abigraf conhecerem o trabalho de Macedo, que é professor da Universidade Mackenzie, titular da Faculdade de Econo­ mia da USP, pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas e colunista do jornal O Estado de S. Paulo. Informações pelo telefone (11)5087-7745

Agenda de Eventos: 4 a 8 de outubro Feira Internacional do Livro de Frankfurt 2006 Local: Frankfurt, Alemanha Informações: http://www.book-fair.com

25 a 28 de setembro, das 18h45 às21h45 Panorama atual de Impressão Digital O curso tem como objetivo levantar questões atuais que envolvem o trabalho de produção gráfica com impressão digital. As tecnologias de ponta serão aborda­ das, assim como os principais problemas na produção e suas possíveis soluções. É destinado a profissionais envolvidos com criação, produção (pré-impressão e impressão), com foco em produção gráfica que utilize impressão digital. Docente: Bruno Mortara

15 a 18 de outubro Graph Expo and Converting Expo 2006 Local: Chicago, E.U.A. Informações: www.gasc.org 17 a 19 de outubro Digital Print World 2006 Local: Londres, Inglaterra Informações: Tel.: +44 20 7915 5132. Site: www.digitalprintworld.co.uk

04 a 06 de outubro, das 18h45 às 21h45 PCP (Planejamento e Controle da Produção) para a indústria gráfica - segmento editorial O curso tem o objetivo de capacitar as gráficas comerciais, melhorar o seu fluxo de trabalho e reduzir os prazos de entrega, além de tentar soluções para eliminar as horas improdutivas e reduzir os custos, quando possível. É destinado aos gerentes de produção, profission­ ais de PCP e demais interessados. Docente: Thomaz Caspary

16 a 19 de outubro 39° Congresso e Exposição Internacional de Celulose e Papel Local: Transamérica Expo Center Pavilhão A e B. São Paulo - SP. Informações: Telefone: (11) 3974-2700. Fax: (11) 3874­ 2730. Site: www.abtcp.org.br 23 a 28 de outubro Argentina Gráfica 2006 Local: Buenos Aires, Argentina Informações: Telefone (54 11) 4631-5120 Fax (54 11) 4633-7327. E-mail: contacto@faiga.com

24 a 27 de Outubro, das 18h45 às 21 h45 Administração de estoques e logística de materiais Este curso objetiva ensinar aos par­ ticipantes conceitos e técnicas sobre gerenciamento de materiais em ambiente competitivo, com foco nas neces­ sidades de clientes e rentabilidade de operações para a indústria gráfica. É destinado a operadores logísticos, gerentes/chefes/encarregados de almoxarifados, compra­ dores, técnicos em planejamento da produção e todos os envolvidos nas atividades de gerenciamento de materiais. Docente: Marcelo Junqueira

24 a 27 de outubro 15a Feira de Embalagem Local: Gothenburg, Suécia Informações: www.swefair.se 29 de outubro a 02 de novembro Pack Expo 2006 Feira Internacional de Embalagem Local: Chicago, E.U.A. Informações: http://www.packexpo.com/ 6


rTTJTjTTvvWvi

A B IG R A F - S P / A sso ciaçã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional São P aulo

Gráfica Francor comemora 20 anos de existência Associada à Abigraf há mais de dez anos, empresa do segmento promocional busca agora o apoio de entidade para aumentar carteia de clientes Atuando há vinte anos no mercado gráfico paulista, a Gráfica Francor procura trabalhar de forma a ter seu nome vinculado a qualidade e pon­ tualidade. Para isso, tem como p rio rid a d e prestar sempre um atendimento ágil e eficiente. De acordo com o diretor Ricardo Marinelli Rodrigues, a proposta é oferecer soluções person­ alizadas e diferenciadas, que se moldem ao estilo e necessidades de cada cliente. Trabalhando com o segmento promocional, a empresa imprime materiais como revistas, livros, volantes, catálogos, folhetos, displays, malas-diretas, envelopes, calendários, rótulos, entre outros diversos serviços, prestados para uma clientela for­ mada por uma maioria de agências de publicidade, estúdios de criação e laboratórios farmacêuticos. Interessada em ampliar o acesso às in­ formações do setor, e em busca de apoio para a tomada de decisões mercadológicas, a Gráfica de­ cidiu se associar à Associação Brasileira da Indús­ tria Gráfica (Abigraf), à qual está vinculada há mais de 10 anos.

A postura de executar os trabalhos den­ tro de parâm etros de excelência, com atendimento personalizado, e equipe profissional, tornaram a Gráfica uma referência de qualidade. Algo compro­ vado com um dos impressos produzidos para um de seus clientes, que conquistou o prêmio Top of Mind Brazil 2005/2006. Todos os impressos são executados em máquinas de última geração, e são manuseados por cerca de 60 funcionários da empresa. Em seu parque gráfico de 3 mil metros quadrados estão instaladas uma impressora KBA 5 cores 72/104, e um modelo de 4 cores 52/72, do mesmo fabricante, além de equipamentos com­ plementares, como impressoras bicolores e monocolores, e máquinas para acabamento. Recentemente, a fim de atender às pro­ postas de otimização nos processos de trabalho, a empresa investiu recursos na aquisição de uma impressora de folha inteira, 5 cores. Entre os projetos para este ano está a am­ pliação da produção, diversificação da carteira de clientes e modernização do setor de acabamento, com a compra, nos próximos meses, de mais uma alceadeira com oito bolsas.

Gráfica Francor Telefone: (11) 3931.3400


A B IG R A F

ILM

S P /A s s o c ia ç ã o B rasileira da Indústria G ráfica R egional São Paulo

VOCÊ PODE FAZER TUDO COM OS PAPÉIS VCP. E 0 MELHOR. COM 0 DIFERENCIAL VOTORANTIM.

T

Votorantim Celulose e Papel

 VCP tem uma linha completa de papéis. Seja qual for a sua necessidade, nós temos um papel de qualidade para oferecer. Invista no resultado final do seu trabalho, peça papel pelo nome e sobrenome. Qualidade é Votorantim Celulose e Papel.

www.vcp.com.br/papeisgraficos

Lumimax*

Starmax*

Sinônimo de livros de arte bem impressos. E também

Sinônimo do melhor papel para revistas. E também de encartes, malas-diretas, materiais promocionais e catálogos.

de materiais promocionais, encartes e revistas. Papel couché off machine que oferece excelente qualidade de impressão e maquinabilidade. Gramaturas: 90.115.150,170 e 230 g/m2.

Papel couché on machine que oferece ótima qualidade de impressão. 6ramaturas; 70,80.90 e 115 g/m2.

Expediente O informativo Impressões é uma publicação da Associação Brasileira da Indústria Gráfica Regional São Paulo (Abigraf - SP), com apoio institucional do Sindicato das Indústrias no Estado de São Paulo (Sindigraf - SP). Responsabilidade editorial e edi­ toração eletrônica: Ricardo Viveiros Oficina de Comunicação, empresa filiada à Associação Brasileira de Comunicação Empre­ sarial (Aberje). Impressão - RWA Gráfica. Impresso em papel Starmax Brilho 115g/m2. da Votorantim Celulose e Papel. Contatos: Abigraf tel. (11) 5087-7745 - e-mail: dmark@abigraf.org.br- Site: www.abigraf.org.br

8

Boletim Impressões - Ano 2 - Edição 12