Page 1

I m p r e s s õ e s n Q 28 J a n e i r o / F e v e r e i r o de 2 0 1 0 - a n o 6

A b ig ra f N a c io n a l a p o ia a 2 0 - e d iç ã o d a F ie p a g Feira faz parte da Semana Internacional da Embalagem, Impressão e Logística, que contará com eventos integrados, com destaque para as palestras apresentadas pela ABTG.

do Espinosa, presidente executivo da ABTG. Em seguida, Auro Aldo Gorgatti, consultor da ABTG, apresenta "Como vender mais - Estratégias para o Mer­ cado Gráfico". No período da tarde, o tema inicial é "Qualidade com foco na Gestão de Resultados", com Már­ cia Biaggio, consultora da ABTG. Para encerrar o programa, Pedro Augusto Casotti, consultor da ABTG, fala sobre "Novas tecnologias para a redução de setup em máquinas offset". A programação de eventos integrados continua em 10 de março, com a "Con­ ferência Internacional Brasilpack 2010" e, no dia 11, com o seminário "Criativos Made in Brasil", voltado a um público amplo, incluindo gráficas que trabalham com impressão digital.

A Abigraf Nacional é apoiadora de uma das mais tradicionais e reconhecidas fei­ ras do setor, a Fiepag (Feira Internacional do Papel e Indústria Gráfica), que integra a 2- Semana Internacional da Embala­ gem, Impressão e Logística. O evento ocorrerá de 8 a 12 março de 2010, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo.

Flexo Latino América (Feira Internacio­ nal da Flexografia), 3Q Salão Embala Inovação, e 2- Brasil Screen & Digital Show (Feira Internacional de Serigrafia e Impressão Digital).

A Semana contará com uma programa­ ção de eventos integrados, com desta­ que para a ABTG, que realizará um seminário desenvolvido especialmente para a ocasião, para o qual selecionou os te­ mas de maior impacto no de­ senvolvimento dos profissio­ 20TM feir a in t e r n a c io n a l nais da indústria gráfica. DO PAPEL E INDÚSTRIA

Promovido pela Reed Exhibitions Alcantara Machado desde 2008, o evento reunirá, além da Fiepag, outras qua­ GRÁFICA tro importantes feiras da cadeia das indústrias Em 9 de março, o programa gráfica e de embalagem: 7- Brasilpack será iniciado com a palestra "Mídia Im­ (Feira Internacional da Embalagem), 3ê pressa X Mídia Eletrônica", com Reinal-

Os eventos acontecerão no Hotel Holiday Inn (ao lado do pavilhão do Anhem­ bi). A promotora oferece preços espe­ ciais para adesões até 27 de janeiro, além de uma política de descontos de acordo com o número de pessoas da mesma empresa que fizeram suas ins­ crições. Informações: (11) 3060-4989. Consulte outras notícias pelo site w w w .sem anainternacional.com .br

Prêm io "Fernando Pini" revela vencedores. Página 2.

S e g m e n to editorial registra núm eros positivos. Página 3.


Com a palavra Profecia descabida O filme "2012", uma superprodução de 200 mi­ lhões de dólares, do diretor Roland Emmerich, e alguns livros sobre a Profecia Maia para o fim do mundo têm movimentado com vigor a indústria do entretenimento. Os presságios sobre o fim dos tempos têm instigante analogia com outra previsão intermiten­ te na trajetória da humanidade: a extinção de determinadas mídias, ante o surgimento de outras. Até hoje, porém, nenhuma dessas profecias concretizou-se. A predição da vez quanto às mídias é relativa à comunicação grá­ fica, mais especificamente no tocante ao livro. Na recente Feira de Frankfurt, a maior do mundo no gênero, já se estabeleceu até mesmo o ano no qual ele acabará: 2018! A partir de então, haveria somente o e-book, já comercializa­ do em todo o mundo, inclusive no merca­ do brasileiro. Porém, isto não significa o fim do impresso. Sempre haverá público para todas as modalidades dentre os qua­ se sete bilhões de terráqueos.

Seria redundante e até ingênuo por parte das editoras, indústrias gráficas e amantes da pala­ vra impressa negar ou resistir ao avanço do ebook. Tampouco é desnecessário discorrer so­ bre as vantagens do livro de papel, sua magia, preço e peculiaridades inerentes às artes gráfi­ cas. As publicações estão cada vez mais boni­ tas, bem impressas, com diagramação atrativa e capas instigantes e irresistíveis. O importante é ter consciência de que o mercado da comu­ nicação e do entretenimento tem espaço para todas as mídias. Ouso, assim, fazer mais um vaticínio, em meio aos tantos que, vira e mexe, permeiam o incons­ ciente coletivo: se a Terra sobreviver à Profecia Maia em 2012, claro, o livro impresso não aca­ bará em 2018! Afinal, sua extinção seria o fim do mundo da maneira como o conhecemos. Fabio Arruda Mortara Presidente da Abigraf Regional São Paulo

Acontece Festa do Prêmio "Fernando Pini" recebeu mais de 2 mil pessoas Além da revelação dos vencedores das 64 cate­ gorias em que se divide o concurso - e das 14 de­ dicadas aos fornecedo­ res - foram anunciados os ganhadores do Grand Prix. São eles: Facform Impressos (Melhor Im­ pressão), Ipsis Gráfica e Editora (Melhor Acaba­ mento Editorial) e Brasilgráfica (Melhor Acaba­ mento Cartotécnico).

Mais de 2 mil convidados compare­ ceram à mais importante premiação do setor gráfico na América Latina, a 19a edição do Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini, que aconteceu na noite de 24 de novembro, no Expo Barra Funda, em São Paulo.

Aberta pela bateria do Grêmio Recreativo Escola de Samba Águia de Ouro, a festa, que neste ano teve o tema Carnaval, foi encerrada com show da banda Cheiro de Amor. Este ano, o Prêmio Fernando Pini teve como patrocinadores o Serviço Brasilei­ ro de Apoio às Micro e Pequenas Em­

presas (Sebrae Nacional), Expoprint, International Paper, Fiepag, Kodak, Suzano Papel e Celulose, Xerox, Agfa, Antalis, Canon, Cromos, Ibema, Fibria, Pleidelberg, Flelkel, FHP, Müller Martini, Real Graphics e SunChemical. A 19a edição registrou dois recordes: 200 empresas, de 16 estados brasilei­ ros, inscreveram-se no concurso, que avaliou 1.331 trabalhos. A lista com­ pleta dos vencedores pode ser encon­ trada no site www.fernandopini.org.br.

0 informativo Impressões é uma publicação mensal da Associação Brasileira da Indústria Gráfica Regional São Paulo (Abigraf-SP), com apoio institucional do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo ISindigraf-SP). Responsabilidade editorial: Ricardo Viveiros & Associados - Oficina de Comunicação, empresa filiada à Associação Brasileira de Comunicação Empresarial lAberje). Revisão: Ada Caperuto, Impressão - RWA Gráfica. Impresso em papel couchê fosco 115g. Contatos Abigraf - Tel. (0xx1113164-3193 - E-mail: dmark@abigraf.org.br. Site: www.abigraf.org.br

2


Sustentabilidade Papel brasileiro é ambientalmente correto Notícias relacionadas ao desmatamento das florestas nativas e aquecimento global têm ocupado frequentemente os veículos de co­ municação. Não raro, este tipo de reportagem aponta o consumo de papel como um dos vilões deste processo. Assim, contribui-se para que a sociedade crie uma consciên­ cia errada sobre a origem da maté­ ria-prima para a produção de papel, a celulose. No entanto, o professor do Depar­ tamento de Engenharia Florestal da Universidade Federal de Viçosa (MG), Sebastião Renato Valverde, esclarece que, no Brasil, o papel se faz com madeira cultivada (silvicul­ tura), principalmente em áreas de pastagens degradadas. Assim, o País está despontando como com­ petidor qualificado, devendo tornarse, em breve, o maior exportador

mundial, utilizando apenas árvores cultivadas. O professor explica que a atividade leva a um aumento das florestas nativas, principalmente da Mata Atlântica. Nas propriedades rurais em geral, a cobertura florestal na­ tiva, em média, é inferior a 20%; nos estabelecimentos dedicados à silvicultura, é superior a 50%. "Te­ mos de esclarecer que o nosso pa­ pel é oriundo do que tem de mais moderno, mais ambiental e social­ mente correto na produção flores­ tal", reforça Valverde. A expansão do setor florestal, bem como a produção de celulose e pa­ pel representa, ainda, um forte po­ tencial de geração de empregos, renda, divisas e impostos, contri­ buindo para o desenvolvimento socioeconômico do País.

Mercado Segmento editorial registra números positivos De acordo com os números apre­ sentados pelo Departamento de Estudos Econômicos da Abigraf, com base nos dados do IBGE (Ins­ tituto Brasileiro de Geografia e Es­ tatística), houve queda de 3,5% da produção da indústria gráfica brasi­ leira no período dos últimos 12 me­ ses (contados de outubro de 2008 a setembro de 2009); e queda de 4,5% na produção nos nove meses de 2009 em relação ao mesmo pe­ ríodo do ano anterior. A mesma fonte indica novo acrés­ cimo na produção no terceiro tri­ mestre de 2009, em relação ao segundo (+11%), mas o resultado ainda é 3,9% inferior ao observado no mesmo trimestre de 2008.

Entre todos os segm entos anali­ sados, sobressai o editorial, que, no terceiro trim estre de 2009, em relação ao m esm o período de 2008, denotou desempenho posi­ tivo, com acréscim o de 1,5% na produção. Registra-se, também, um crescim ento positivo de 2,9% na produção nos nove meses de 2009 em relação aos mesmos de 2008 — resultado m uito bom se comparado ao desempenho do restante da indústria gráfica, e, ainda melhor, se comparado ao resultado da indústria de trans­ formação. Nos doze meses acu­ mulados do segm ento editorial, o crescim ento foi de 1,2%, em relação aos doze meses que an­ tecederam a esse período.

3


* Sindigraf-SP promove palestra sobre linhas de financiamento

Cartilha de provas digitais

A cidade de Bauru rece­ beu, em novembro, a apre­ sentação da Agência de Fomento do Estado de São Paulo - Nossa Caixa De­ senvolvimento. O evento, promovido pelo Sindigraf São Paulo, Fiesp (Federa­ ção das Indústrias do Es­ tado de São Paulo) e Agência de Fomento do Estado de São Paulo, teve como objetivo estimular investimentos no setor gráfico. A palestra apresentou as linhas de finan­ ciamento especiais para capital de giro, e a especial com recebíveis - desconto de duplicatas, com prazo de 12 me­ ses e taxa de juros de 0,96% mensal.

A ABTG lançou, em no­ vembro, uma nova ver­ são da cartilha de provas digitais físicas. O mate­ rial, desenvolvido pela Comissão de Estudos de Gerenciamento de Cores do ONS-27, tem como objetivo padroni­ zar a comunicação das cores e estabelecer um elo em todo processo gráfico.

DE p r o v a s n . . | V

S O I G I T A Is

Jantar de Confraternização A Abigraf São Paulo reali­ zou, em 15 de dezembro, seu Jantar de Confraterni­ zação, na sede de uma das mais tradicionais escolas de samba do País, a Vai-Vai. A quadra recebeu cerca de 200 convidados, en­ tre eles diretores e colaboradores de empresas associadas, fornecedores e clientes. A entidade agradece o apoio de todos os patrocinadores: Agfa, Antalis, Ásia Pulp and Paper (APP), Canon, International Paper, Cromos Tintas, Expoprint, Fibria, Fiepag, Heidelberg do Brasil, Henkel, HP, Ibema, Kodak, Müller Martini, Real Graphics, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Peque­ nas Empresas (Sebrae), Sun Chemical, Suzano e Xerox.

Abigraf Nacional apresenta mudanças na estrutura

Relatório de atividades 2008-2009

Em 23 de novembro, durante sua 16a Assembléia Geral Extraordinária, a Abigraf Nacional anunciou as mudanças na estrutura da direção. O presiden­ te do Sindigraf-SP, Mário César de Camargo, assu­ miu a presidência executiva da entidade, enquan­ to que Vitor Zanetti, assumiu o cargo máximo no Conselho Diretivo.

Será lançado no início de 2010, o Relatório de Ativida­ des 2008-2009, que registra as ações realizadas nos dois últimos anos, pela Abigraf Nacional, suas Regio­ nais em todo o País, a ABTG e o Sindigraf-SP. O mate­ rial está segmentado em temas que relatam aspectos como: representatividade perante o poder público, re­ lacionamento com a cadeia produtiva, iniciativas pelo desenvolvimento do setor, entre outros.


Grupos em Ação GE-DIGI lança coleção de livros O Grupo Empresarial de Impressão Digital (GE-DIGI), da Abigraf Regional São Paulo, lançou, em 15 de dezembro, na Livraria Mar­ tins Fontes, uma coleção de três livros com o tema impressão digital. A proposta da cole­ ção é difundir a tecnologia no meio acadêmico e para os profissionais do setor gráfico. São eles: "Impressão Digital: Introdução e Tecnologia", de Bruno Mortara; "Impressão Digital: Aplicações com Dados Variáveis"; de Fernando Steler; e "Impres­ são Digital: Transpromo", de Hamilton Terni Costa e Marco Antonio Tiburcio. A coleção é uma elaboração do GE-DIGI, da Abigraf-SP, com edição e publicação da Scortecci Editora. Cada livro custa R$ 20. A coleção pode ser adquirida pela internet: www.abtg.org.br/loja.

Seccionais em Destaque Semana de Artes Gráficas registra forte expansão

Em Tempo A partir de 2010, a Digigraf será distribuidora de toda a linha HP Scitex no Brasil. Com este novo acordo, se torna uma das empresas a oferecer o maior leque de produtos de impres­ são de grandes formatos do mercado brasileiro. A Fibria recebeu o prêmio "As Empresas de Maior Prestígio no Brasil", do anuário Época Negó­ cios 100, publicado pela Editora Globo, como a primeira empre­ sa do setor de papel e celulose.

Em 2009, a Semana de Artes Gráficas, realizada pela ABTG, e patrocina­ da pelo Sindigraf-SP e Abigraf Regional São Paulo, aconteceu em sete cidades do interior paulista, e também no município de Barueri, pela pri­ meira vez. Um levantamento elaborado pela ABTG, que compreende os últimos três anos, mostrou que o programa vem crescendo em número de participantes - de um total de 784 pessoas, em 2006 para 2.277, em 2009. Em relação ao número de empresas inscritas, o salto foi de 105 para 161, no mesmo período. Realizada nas regiões de Sorocaba, Araçatuba, Bauru, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Campinas e Barueri, a Semana de Artes Gráfi­ cas atingiu, nesses três anos, um total de 96 cidades e de 5.708 colabo­ radores de empresas gráficas.

A International Paper foi eleita "Destaque do Setor" na catego­ ria Responsabilidade Social, pela Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel (ABTCP). A Francal Feiras superou re­ sultados esperados para 2009: realizou dez eventos, que tota­ lizaram 2.329 empresas expositoras, 134.600 metros qua­ drados de área de montagem de estandes e presença de 198.086 visitantes.

5


Agenda do Gráfico Fevereiro Até dia 3 (4afeira) 5 (6Sfeira)

10 (4a feira)

22 (2a feira) 25 (5a feira)

26 (6a feira)

Março Até dia 3 (4a feira) 5 (6a feira)

10 (4a feira)

19 (6a feira) 25 (5a feira)

31 (4a feira)

Obrigações ICMS - Fatos Geradores -JAN/10 (C N A E -17.31-1; 17.32-0 e 17.41-9) Pagamento dos salários de JAN/10 FGTS - JAN/10 CAGED-JAN/10 DCTF - mensal DACON - mensal Previdência Social - INSS Cópia/ GPS - JAN/10 - envio sind. profissional ISSQN - Município de São Paulo SIMPLES NACIONAL Previdência Social - INSS PIS/COFINS - fato gerador - JAN/10 IPI ICMS - fato gerador - JAN/10 (CN AE- 18.11-3; 18.12-1; 18.13-0; 18.21-1; 18.22-9; 58.21.2; 58.23-9 e 58.29-8) IRPJ - apuração mensal p/ estimativa IRPJ - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) CSLL - apuração mensal (estimativa) CSLL - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) REFIS/PAES/SIMPLES - Parcel./ PAEX 1/ PAEX 2/ SIMPLES NACIONAL - Parcel. Especial DIF - PAPEL IMUNE SEMESTRAL

Obrigações ICMS - Fatos Geradores - FEV/10 (C N A E -17.31-1; 17.32-0 e 17.41-9) Pagamento dos salários de FEV/10 FGTS-FEV/10 CAGED-FEV/10 DCTF - mensal DACON - mensal Previdência Social - INSS Cópia/ GPS - FEV/10 - envio sind. profissional ISSQN - Município de São Paulo Previdência Social - INSS SIMPLES NACIONAL PIS/COFINS - fato gerador - FEV/10 IPI ICMS - fato gerador - FEV/10 (CNAE- 18.11-3; 18.12-1; 18.13-0; 18.21-1; 18.22-9; 58.21.2; 58.23-9 e 58.29-8) IRPJ - apuração mensal p/ estimativa IRPJ - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) CSLL - apuração mensal (estimativa) CSLL - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) REFIS/PAES/SIMPLES - Parcel./ PAEX 1/ PAEX 2/ SIMPLES NACIONAL - Parcel. Especial

Esta agenda - contendo as principais obrigações tributárias, trabalhistas e previdenciárias, de âmbito federal, estadual e municipal a serem cumpridas em prazos previstos na legislação em vigor - não esgota outras determinações legais, a serem cumpridas em razão de atividades econômicas e sociais específicas. O Departamento Jurídico (Dejur/Abigraf) permanece à disposição para esclarecimentos de dúvidas (nborelli@abigraf.org.br).

6

Cursos - ABTG CURSOS ABTG. OU VOCÊ FAZ OU VOCÊ DISFARÇA.

PCP -Segmento Promocional e Comercial 01 a 03 de fevereiro Formação de Inspetores de Qualidade 22 a 25 de fevereiro Preparação e Fechamento de Arquivos para Impressão Digital 02 a 04 de março Informações: (0xx11) 2797.6700 e site: www.abtg.org.br.

Feiras IC Packaging Expo - Feira sobre Tecnologia de Embalagem 20 a 22 de janeiro Tóquio - Japão www.icp-expo.jp/english Upakovka / Upak Itália - Feira Internacional para Máquinas e Equipamentos de Embalagem 26 a 29 de janeiro Moscou - Rússia www.upakovka-upakitalia.de W estpak- Tecnologia de Embalagem e Materiais 09 a 11 de fevereiro Anaheim / EUA www.devicelink.com/expo/wpack10/ Verpackung Nord (feira da indústria de embalagem) 10 e 11 de fevereiro Alemanha www.easyFairs.com Packaging Innovations (feira da indústria de embalagem) 24 e 25 de fevereiro Barcelona - Espanha www.easyFairs.com 2a Semana Internacional da Embalagem, Impressão e Logística 8 a 12 de março de 2010 Pavilhão de Exposições do Anhembi São Paulo http://www.semanainternacional.com.br Propak Vietnam (feira da indústria de embalagem) 17 a 20 de março Ho Chi Minh City - Vietnam www.propakvietnam.com


M

Vale Saber RICARDO VIVEIROS

ABTG 50 ANOS A CONSTRUÇÃO DO FUTURO

Livro registra os 50 anos da ABTG O livro "ABTG 50 anos - A Construção do Futuro", lançado em novembro, durante a 19a edição do Prêmio Brasileiro de Exce­ lência Gráfica Fernando Pini, relata a trajetória da ABTG, desde sua fundação até os dias de hoje, em que está consolidada como principal entidade de difusão de conhecimentos técnicos e tec­ nológicos para o setor de comunicação impressa no País. O livro, de autoria do jornalista e escritor Ricardo Viveiros, foi publicado pela Clemente e Gramani Editora (162 páginas).

1959 / 2009 CLEMENTE E GRAMANI EDITORA

Quem faz a Abigraf-SP Gráfica Emepê

pH H JH J

Instalado em um terreno de 25 mil me­

a qualidade necessária, atendendo aos requisitos das

tros quadrados, em Vinhedo, interior de

Boas Práticas de Fabricação (GMP), aprimora continua­

São Paulo, o parque gráfico da Emepê

mente os processos produtivos e a comunicação com

ocupa uma área de 6.600 metros qua­

seus clientes externos e internos. Por isso, estimula a

drados. É nesse espaço que a empresa

capacitação e conscientização dos colaboradores, bem

produz, para o mercado interno e externo, embalagens

como o desenvolvimento dos fornecedores para asse­

para os setores farmacêutico, alimentício, químico, au­

gurar a cadeia de fornecimento.

tomotivo e veterinário. Além da preocupação de atender às exigências legais Com mais de meio século de experiência no merca­

e outros relacionados ao Sistema de Gestão Integrado,

do gráfico, a Emepê dispõe de modernas instalações

a empresa tem o compromisso de respeito ao meio

e tecnologias de última geração para a confecção de

ambiente, por meio do gerenciamento dos impactos

impressos em papel cartão duplex e triplex e micro-

ambientais, com enfoque no uso consciente de recur­

ondulados, como carteias blister e skin; displays; alças

sos naturais, minimização na geração de resíduos e

e envoltórios; e amostras (moch-up's).

efluentes líquidos.

O principal diferencial da gráfica é o fato de agregar

Da pré-impressão ao acabamento, a Emepê realiza to­

qualidade aliada a um custo equilibrado, garantindo a

dos os processos de fabricação dos produtos em seu

satisfação do cliente. A empresa busca mais do que

próprio parque gráfico.

o lucro. Além de valorizar os clientes, utiliza soluções que não agridem o meio-ambiente.

Emepê Indústria Gráfica e Comércio Ltda. Avenida Fernando Piccinini, 540

Seguindo a política de soluções inovadoras, para se

Vinhedo/SP

destacar em um mercado tão concorrido quanto o se­

Tel: (19) 3826-8300

tor gráfico, a Emepê fornece produtos e serviços com

Site: www.graficaemepe.com.br


SE VOCÊ OLHAR OS BENEFÍCIOS ABAIXO, NÃO VAI ACREDITAR NO VALOR AÍ DE CIMA. SERVIÇOS PRESTADOS PELA ABIGRAF SÃO PAULO AOS SEUS ASSOCIADOS Planos de saúde com valores especiais Desconto na compra de veículos da marca GM Desconto na compra de alguns produtos SERASA Acesso irrestrito às informações econômicas Assessoria jurídica: atendimento às consultas, divulgação da legislação e acompanhamento dos projetos de lei Elaboração de pleitos Palestras exclusivas para associados Desconto no aluguel do auditório da ABTG Sala de reuniões gratuita Desconto nas inscrições de produtos para o Prêmio Fernando Pini e nos preços dos ingressos para a festa Assinatura gratuita das Revistas ABIGRAF e Tecnologia Gráfica Desconto na compra da PESQUISA SALARIAL Acompanhamento para visitas técnicas à DRUPA Desconto na compra de softwares da CALCGRAF Assessoria gratuita na importação de equipamentos Parceria com o IEL - Instituto Euvaldo Lodi - para intermediação de contratação de estagiários.

• Possibilidade de participação no GRAPHIA - Projeto de exportação da Indústria Gráfica. Oferece suporte de profissionais especializados em comércio exterior, e a participação em feiras e missões internacionais • Convênio com a Caixa Econômica Federal para linhas de crédito para capital de giro e antecipação de 13° salário • Descontos em cursos e palestras • Desconto na compra de manuais técnicos • Desconto em consultoria técnica da ABTG • Associação automática à ABTG Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica • Consultoria gratuita pela ABTG Junior para empresas com até 20 funcionários • Receber informações atuais sobre normas elaboradas, revisadas ou em estudo pelo Organismo de Normalização Setorial de Tecnologia Gráfica da ABTG (ONS27) • O associado da ABIGRAF São Paulo também tem a extensão dos benefícios oferecidos pela FIESP.

* 0 V a lo r d e R $ 6 3 ,0 0 m e n s a is é v á lid o p a r a g r á fic a s c o m a t é 5 f u n c io n á r io s .

LIGUE PARA

(11) 3164-3199

www.abigraf.org.br

ABIGRAF

SÃO PAULO

SINDIGRAF SÃ 0 P A U L O

Boletim Impressões - Ano 6 - Edição 28