Page 1

A n o 5 - n ú m e ro 24 - M a io /J u n h o de 2009

ABTG, meio século de tecnologia A história da ABTG teve início com a criação, em 1950, de Departamento de Pesquisas em Artes Gráficas (DPAG), no Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo (Sindigraf-SP), mas a fundação ocorreu nove anos mais tarde.

ABTG: responsabilidade de promover a atualização técnica e tecnológica, alia-se à organização de alguns dos mais importantes eventos do setor, como o Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini e o Congresso Brasileiro da Indústria Gráfica.

!

caminhos para ampliar a presença da en­ São 50 anos de experiência na história tidade em todo o País. A isso se deve da indústria gráfica brasileira, que tem também a aproximação com a Abigraf. apenas 200 anos de existência. Neste Assim, a ABTG trilhou um caminho evo­ significativo período, a Associação Brasi­ lutivo marcado por desafios e vitórias, leira de Tecnologia Gráfica (ABTG), cria­ a exemplo da elaboração e implantação da oficialmente em 12 de julho de 1959, de normas técnicas para o setor gráfi­ tem sido um dos principais organismos co e da conquista da ISO responsáveis pela promo­ 9001:2000, inclusive para ção e difusão do conhe­ o Prêmio Brasileiro de Ex­ cimento técnico e tecno­ celência Gráfica Fernando lógico no País. Fundada Pini. Em 2007, nova con­ por alguns dos mais des­ quista: a entidade foi quali­ tacados empresários do ficada como Oscip (Organi­ setor, em 1962, a ABTG Transmitindo conhecimento, zação da Sociedade Civil de foi declarada de utilidade Interesse Público). Estes e pública em nível estadu­ outros fatores contribuem al. Na década de 1970, a para que a ABTG seja atual­ intensificação de impor­ mente um organismo moderno e atuan­ tação de equipamentos mudou radical­ te, merecedor de respeito internacional. mente o panorama da indústria gráfica. Hoje, em estreita parceria com a Escola Foi um marco para a ABTG, que passou a SENAI Theobaldo De Nigris, desponta colaborar ativamente para a formação de como o principal pólo de pesquisa, difu­ profissionais que deveríam estar aptos a são e aprimoramento da indústria seto­ lidar com as novas tecnologias. rial na América Latina. Este crescimento continuou a ser im­ Em breve, a ABTG anunciará os even­ presso por meio do trabalho sério de tos que marcarão oficialmente as co­ seus dirigentes, que enxergaram novos

memorações de seu 50s aniversário. Dentre eles, está o lançamento de um livro de memória histórica, no qual a trajetória da entidade poderá ser co­ nhecida em detalhes.

Acontece V W Â f \

Prêmio Abigraf de Responsabilidade Socioambiental

Em 5 de junho, Dia Mundial do Meio Am biente, foi realizada a cerimônia de entrega dos troféus aos vencedores do 1s Prêmio Abigraf de Responsabili­ dade Socioambiental. Página 2

Mercado Abigraf-SP promoveu palestras com a Cisa Trading e com o BNDES para apre­ sentar assuntos de interesse de seus as­ sociados. Página 3 1


Com a palavra Objetivo factível O Sistema Abigraf acaba de lançar a 2a edição, em versão atualizada, do "Guia Técnico Ambiental da Indús­ tria Gráfica” , uma importante inicia­ tiva voltada a contribuir para que o setor responda ao desafio da pro­ dução mais limpa, de maneira cada vez mais efetiva. Este movimento, voltado à sobrevivência com quali­ dade de vida, foi realizado por meio do Sindigraf-SP, em parceria com a Federação e o Centro das Indús­ trias do Estado de São Paulo (Fiesp/ Ciesp) e a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb),

vinculada à Secretaria de Estado do Meio Ambiente. O guia conta com coordenação e suporte técnico da ABTG. A indústria gráfica, integran­ te da cadeia produtiva da comunica­ ção, tem especial responsabilidade na difusão da consciência sobre a importância da responsabilidade am­ biental. Livros, jornais, revistas, ca­ dernos, manuais de distintos produ­ tos, embalagens e numerosos outros impressos são mídias que alcançam milhões de pessoas, informando e formando opinião pública. Ao serem produzidas com processos de im­

pressão que respeitam o ambiente, tornam-se, também, exemplos posi­ tivos de como a almejada sustentabilidade é um objetivo viável. Vamos concretizá-lo! Mário César de Camargo

Presidente do Sindigraf-SP.

Acontece Responsabilidade Socioambiental no Dia Mundial do Meio Ambiente de. A primeira edição aconteceu

Ambiental "Orlando Villas Bôas".

em 5 de junho, data em que se

Na categoria

"Responsabilidade

comemora o Dia Mundial do Meio

Social"

inscritos projetos

Ambiente, no auditório da Associa­

de empresas gráficas, nos campos

ção dos Procuradores do Estado

educacional, cultural, esportivo, de

O Prêmio Abigraf de Responsabi­

de São Paulo. Na próxima edição

inclusão social e iniciação profissio­

lidade Socioambiental, criado pela

deste boletim serão conhecidas

nal. Na categoria "Responsabilida­

Abigraf Nacional, é uma resposta

as gráficas vencedoras nas duas

de Ambiental" participaram cases

ao desafio da sustentabilidade e

categorias

pelo

de implementação de ações, tec­

visa estimular práticas corretas nas

concurso. Elas receberam o Tro­

nologias, métodos e processos am­

áreas social e ambiental, no âmbito

féu Abigraf de Responsabilidade

bientalmente corretos. O prêmio foi

de toda a indústria gráfica brasileira

Social "Hasso Weiszflog" e o Tro­

patrocinado pela APP, International

e também no contexto da socieda­

féu Abigraf de Responsabilidade

Paper e Sebrae Nacional.

Prêmio Abigraf de Responsabilidade Socioambiental

contempladas

foram

0 informativo Impressões é uma publicação mensal da Associação Brasileira da Indústria Gráfica Regional São Paulo IAbigraf-SP). com apoio institucional do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo (Sindigraf-SP). Responsabilidade editorial: Ricardo Viveiros & Associados - Oficina de Comunicação, empresa filiada à Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje). Revisão: Ada Caperuto, Impressão - RWA Gráfica. Impresso em papel couchê fosco 115g. Contatos Abigraf - Tel. (Dxx11)3164-3193 - E-mail: dmark@abigraf.org.br. Site: www.abigraf.org.br

2


Mercado Palestra na Abigraf-SP esclarece dúvidas sobre importações O Brasil é naturalmente atra­ tivo para a abordagem comer­ cial de empresas de qualquer país, mas ainda é um merca­ do complexo. Há vários de­ safios para uma empresa do exterior que pretenda fazer negócios com o País. Foi com o objetivo de esclarecer estes aspectos que Andréa Guasti, Andréa Guasti, vicevice-presidente de negócios presidente de negócios da Cisa Trading, uma das da Cisa Trading maiores empresas do País de Comércio Exterior, apresen­ tou uma palestra organizada pela Abigraf-SP e realizada no auditório da ABTG, em 1s de abril. Dentre as dúvidas levantadas merece destaque a falta de conhecimento das normas e procedimentos que regulam as opera­ ções de importação, ou mesmo de noções básicas so­ bre o funcionamento de instituições e órgãos públicos e privados que podem ser acionados para facilitar e ins­ trumentalizar as operações.

Associados conhecem os programas de financiamento do BNDES Em 14 de maio, a Abigraf-SP realizou, em parceria com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômi­ co e Social), a palestra "Programas de Financiamento". O evento teve como objetivo apresentar os programas e linhas de financiamentos do BNDES às micro, peque­ nas e médias empresas - mais de 95% das gráficas no Brasil se situam nestas categorias. No evento foram abordados temas como as áreas de atuação do BN­ DES; linhas e programas de financiamento disponíveis para aquisição de máquinas e equipamentos; projetos de investimento; aquisição de bens de produção (cartão BNDES); apoio à exportação; capital de giro; obtenção de apoio da instituição.

Gestão A "arte" de contratar Em um mundo cada vez mais competitivo, contar com uma equipe talentosa é algo fundamental. Entretanto, para mui­ tos dirigentes, principalmente para os de pequenas e mé­ dias empresas, o recrutamento e seleção de bons funcio­ nários pode ser uma tarefa difícil. Isto porque não dispõem de um departamento de Recursos Humanos ou mesmo a verba que permita a terceirização deste processo. Para ajudar o empresariado a contornar estes obstáculos, o Sebrae Paraná formulou o guia "Como Contratar Funcio­ nários ". A publicação traz um passo a passo para a escolha de novos colaboradores. De acordo com o guia, o processo deve ser dividido em duas partes. Na primeira, o empresário avaliará sua empre­ sa, para identificar suas necessidades e estudar as metas para o futuro. Feito isso, é preciso definir de que forma a nova contratação poderá ajudar a atingir estes objetivos. A ponderação deve incluir todas as variáveis, desde atribui­ ções do cargo até horários. As orientações podem parecer básicas, mas muitos executivos, preocupados em preen­ cher rapidamente a vaga, deixam de analisar todos os fato­ res envolvidos. O passo seguinte é, efetivamente, a busca pelo futuro funcionário. Em primeiro lugar, é preciso checar se não há alguém, internamente, que possa - e queira - ser realocado ou promovido. Se a resposta for negativa, inicie a busca nos bancos de currículo da empresa, avalie indi­ cações e publique anúncios. O guia também sugere que a seleção seja composta por teste escrito (onde se apre­ senta uma situação para avaliar reações) e uma entrevis­ ta. Avaliações de comportamento e testes psicotécnicos também são indicados, mas só devem ser realizados sob orientação profissional. É fundamental que a empresa disponha de um responsável para cuidar de todas as etapas do processo de contratação. Ele deve estar munido das informações, orientações e da­ dos necessários, tanto da empresa quanto do candidato. E, o mais importante: tenha a consciência de que o sucesso ou o fracasso de uma contratação depende unicamente de você, o responsável pela decisão final.

Vera Lúcia Guedes Vieira e Ana Paula Bernardino, represen­ tantes do BNDES - Departamento Regional Sul.

Fonte: www.sebrae.com.br 3


Seccionais São José dos Campos recebe Semana de Artes Gráficas A cidade de São José dos Campos sedia, de 22 a 26 de junho, no Othon Travei Intervale (Rua Lupércio Antonio dos Santos, 31, na Vila Bethânia), a 4a edição da Sema­ na de Artes Gráficas. A iniciativa visa levar treinamen­ to qualificado na área gráfica para o interior do estado de São Paulo. A região administrativa de São José dos Campos, formada por 39 municípios, possui 144 gráfi­ cas que empregam juntas aproximadamente 1.470 profissionais gráficos. O projeto é realizado pela ABTG, com patrocínio do Sindigraf-SP, Abigraf-SP e International Paper. Araçatuba e Bauru - as duas cidades também receberam o programa Semana de Artes Gráficas, respectivamente, entre os dias 13 e 17 de abril e 11 e 15 de maio. O presidente da Abigraf-SP, Fabio Arruda Mortara, participou dos encontros com a realização de palestra sobre o mercado gráfico e a atual turbulência finan­ ceira. A grade de programação incluiu as seguintes palestras: "Dicas e truques de Corel Draw"; "Controlando as variáveis de impressão"; "Produção gráfica para vendedores"; "Técnicas básicas de qualidade e meio-ambiente"; e "Gestão para pequenas empresas". Para saber mais sobre a 4a edição da Semana de Artes Gráficas de São José dos Campos, entre em contato pelo telefone (11) 2797-6700 ou e-mail: abtg@abtg.org.br

Panorama Abigraf-SP conquista restituição do Simples Federal A Abigraf-SP acaba de conquistar importante vitória para o setor gráfico: o reconhecimento do direito à restituição de pagamento de impostos federais (Simples Federal) efetuados a maior, no período de abril de 2004 a julho de 2007. Este fato concretizou-se após consulta formulada pela Abigraf-SP junto à Secretaria da Receita Federal em São Paulo, que defi­ niu pela não exigência da majoração da alíquota do Simples Federal em 50% para as indústrias gráficas optantes por esse regime de tributação, após a entrada em vigor da Lei 10.684/03. Assim, as empresas asso­ ciadas, que estejam em dia com as contribuições associativas, poderão contar com o apoio da entidade para pleitear a restituição do pagamento feito a maior. Para agilizar o processo, a entidade firmou convênio para a prestação desse serviço com um escritório de advocacia. Outras infor­ mações podem ser obtidas pelo telefone (11) 3164-3193 ou pelo e-mail: nborelli@abigraf.org.br.

Mudança na Resolução Camex nQ13 A Resolução Camex na 13, de 13 de março de 2009, alterou para 2%, até 31 de dezembro de 2010, as alíquotas advalorem do imposto de im­ portação incidentes sobre uma série de itens classificados como Bens de Capital, do setor gráfico e afins, na condição de ex-tarifários. Para saber quais itens estão relacionados na re­ solução acesse: www.abigrafsp.org.br.

Em tempo A HP apresentou ao mercado, as novas impressoras Designjet L65500 e Scitex FB950. A primeira eleva a qualidade dos impressos levando em consi­ deração a responsabilidade am­ biental. A segunda imprime em praticamente qualquer tipo de substrato: rígido, flexível, espes­ so, pesado e irregular. A International Paper lançou um papel para o mercado europeu. Cerca de 30 mil toneladas deve­ rão ser produzidas por ano, no Brasil, para exportação a diversos países. Em cada um, o produto assumirá uma marca diferente e terá especificações que atendam ao perfil de consumo local. A Heads Propaganda criou um novo anúncio para Editora Po­ sitivo. Intitulada Escada, a peça mostra livros didáticos como a estrutura de uma escada. A ação pertence à campanha "Livros Didáticos Positivo - Feitos por quem ama ensinar". A Akad traz para o Brasil a im­ pressora de cartões com Datacard RP90 Plus E. O equipa­ mento possui tecnologia de retransferência, ideal para agên­ cias governamentais e institui­ ções financeiras. A Paper Express é a primeira grá­ fica brasileira a fazer parte do Ko­ dak MarketMover NetWork, uma rede mundial de parceiros com tecnologia Kodak Nexpress. A Votorantim Celulose e Papel (VCP) inaugurou a fábrica de Três Lagoas (MS) que terá a capaci­ dade de produzir 1,3 milhão de toneladas. Parte desse volume já está contratado pela Interna­ tional Paper (IP). A Tilibra anunciou o desligamen­ to de Vinicius Coube da presi­ dência da companhia. O Diretor Financeiro e de Desenvolvimen­ to de Novos Negócios, Rubens F. Passos, foi o indicado para as­ sumir o cargo. A Suzano Papel e Celulose apre­ sentou recorde de vendas de pa­ pel em 2008. Foram comerciali­ zadas 1,2 milhão de toneladas de papel contra 1,1 milhão de tone­ ladas em 2007.


Abigraf em Ação Abigraf-SP quer criar museu de tecnologia gráfica A criação do MuG - Museu de Tecno­ logia, Comunicação e Artes Gráficas é um dos principais projetos da AbigrafSP. A instituição deu seus primeiros passos em julho de 2003, com a cria­ ção da Associação de Amigos do MuG (AMuG). A iniciativa parte da proposta de apresentar a evolução da tecnologia gráfica, por meio de um museu intera­ tivo, composto pela história brasileira e mundial desta indústria, além de ofe­ recer literatura e iconografia relacio­

Encontro dos líderes do setor gráfico No mês de abril, a Abigraf Nacional, a ABTG, Abigraf-SP e o Sindigraf-SP realizaram suas respectivas assem­ bléias. Os encontros reuniram líde­ res e empresários do setor gráfico brasileiro, com intuito de debater temas relacionados à entidade e ao mercado gráfico.

nadas ao mundo gráfico. Para nortear este trabalho, foi criado o estatuto so­ cial do MuG. Dentre os passos já da­ dos para o estabelecimento do museu se incluem a construção de seu con­ ceito, sua identidade visual e material institucional, além de contatos com museus gráficos em outros países para troca de conhecimento — instituições semelhantes já existem no Japão, em vários países da Europa e Estados Uni­ dos, mas não no Brasil.

Concurso de excelência gráfica no Nordeste A Abigraf Regional Pernambuco e o Sindusgraf-PE, com coordenação da ABTG e patrocínio do SEBRAE Nacional e da Federação das Indústrias do Estado do Pernambuco (Fiepe), promovem a primeira edição do Prêmio Nordeste de Excelência Gráfica José Cândido Cordeiro. A entrega dos prêmios acontecerá em 3 de julho, em Recife (PE). Para saber mais acesse o site www.abigraf-pe.com.br.

Vale Saber Dicionário de Design Gráfico

Diário de Max Schrappe dá origem a autobiografia

O "Dicionário Vi­ sual de Design Gráfico" (Bookman Editora) con­ templa termos D i c i o n á r i o V is u a l de D e s ig n G ra fic o das principais téc­ nicas de impres­ são aos elemen­ tos que compõem um livro, dos movimentos artísticos de vanguarda às escolas consa­ gradas. Com 288 páginas, a obra é fruto do trabalho do designer Gavin Ambrose e do escritor freelancer e editor, Paul Harri, que trabalha para jornais e publicações especializadas de Londres e Nova York, incluindo a revista Dazed & Confused.

Relato da vida do importante em­

fim do século XIX, registrando como

preendedor alemão do ramo grá­

se vivia e se trabalhava no Brasil e na

fico, um dos proprietários da Im­

Alemanha daquela época. Escrito ori­

pressora Paranaense, a obra "M ax

ginalmente em alemão, o diário, traz

Schrappe - Minha Vida, Mein Le-

uma narrativa audaciosa e dinâmica,

ben” (Clemente & Gramani, 286

como se houvesse sido concebido

páginas),

narra

suas

para ser publicado. Res­

memórias desde o em­

ponsável pela tradução

barque, em Hamburgo

do conteúdo, Werner

(Alemanha), em 1891.

Egon

O livro, que foi conce­

do autor, intentou fa­

bido e coordenado pelo

zer "com que as novas

Schrappe,

neto

neto do autor, Max H.

gerações,

G. Schrappe, traz pano­

também tirar proveito

ramas curiosos sobre a

daquela leitura tão ins-

política e a economia do

piradora".

pudessem

5


Agenda do Gráfico Junho Até dia

03 (4a feira)

05 (6a feira)

10 (4a feira)

Obrigações ICMS - Fatos Geradores - MAI/09

30 (3a feira)

Previdência Social - INSS

SIMPLES NACIONAL Previdência Social - INSS PIS/COFINS - Fato Gerador - MAI/09 IPI ICMS - Fato Gerador - MAI/09

(CNAE -18.11 -3; 18.12-1; 18.13-0; 18.21-1; 18.22-9; 58.21.2; 58.23-9 e 58.29-8) IRPJ - apuração mensal (estimativa) IRPJ - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) CSLL - apuração mensal (estimativa) CSLL - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) REFIS / PAES / SIMPLES - Parcel. / PAEX1 / PAEX 2 SIMPLES NACIONAL Parcel. Especial

Julho Até dia

03 (6a feira)

07 (3a feira)

10 (6a feira)

Obrigações ICMS - Fatos Geradores - JUN/09

(CNAE -17.31-1 ;1 7.32-0 e 17.41-9) Pagamento dos salários de JUN/09 FGTS -J U N /0 9 CAGED-J U N /0 9 DCTF - mensal DACON -m ensal Previdência Social - INSS

Cópia / GPS - JUN/09 - envio sind. profissional ISSQN - Município de São Paulo 15 (4a feira) 20 (2a feira) 24 (6a feira) 27 (2a feira)

SIMPLES NACIONAL Previdência Social - INSS PIS/COFINS - fato gerador - JUN/09 IPI ICMS - fato gerador - JUN/09

(CNAE -18.11 -3; 18.12-1 ;18.13-0; 18.21 -1; 18.22-9; 58.21.2; 58.23-9 e 58.29-8) 31 (6a feira)

CURSOS ABTG. OU VOCÊ FAZ OU VOCÊ DISFARÇA.

(CNAE- 17.31-1; 17.32-0 e 17.41-9) Pagamento dos salários de MAI/09 FGTS - MAI/09 CAGED - MAI/09 DCTF- mensal D A C O N - mensal Cópia / GPS - MAI/09 - envio sind. profissional ISSQN - Município de São Paulo

15 (2a feira) 19 (6a feira) 25 (5a feira)

Cursos-ABTG

DIF PAPEL IMUNE IRPJ - apuração mensal (estimativa) IRPJ - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) CSLL - apuração mensal (estimativa) CSLL - apuração trimestral (lucro real, presumido ou arbitrado) REFIS / PAES / SIMPLES - Parcel./ PAEX 1/ PAEX 2 SIMPLES NACIONAL -Parcel. Especial

Esta agenda - contendo as principais obrigações tributárias, trabalhistas e previdenciárias, de âmbito federal, estadual e municipal a serem cumpridas em prazos previstos na legislação em vigor - não esgota outras determinações legais, a se­ rem cumpridas em razão de atividades econômicas e sociais específicas. O De­ partamento Jurídico (Dejur/Abigraf) permanece à disposição para esclarecimentos de dúvidas pelo e-mail: nborelli@abigraf.org.br.

Processos em Serigrafia 07 de julho Padronização de envelopes 1o de julho Padronização de Auto-Envelopes 1o de julho Terminologia Gráfica 1o de julho Higiene e Ergonomia 14 de julho Chapas para impressão 08 de julho CEE - Segurança e Documentação Eletrônica 28 de julho Pré-impressão eletrônica 28 de julho Gerenciamento de cores 28 de julho Processos em impressão digital 29 de julho Materiais de Ensino e Aprendizagem 18 de junho e 16 de julho Tintas gráficas 22 de junho e 20 de julho Colorimetria 22 de junho e 20 de julho Processos em offset 25 de junho e 30 de julho Processos em Rotogravura 02 de julho Questões Ambientais e Segurança 14 de julho Custos e orçamentos para a indústria gráfica 13 a 16 de julho Processos em flexografia 16 de julho Informações pelo telefone: (0xx11) 2797-6700 ou no site www.abtg.org.br

Feiras Labei Latino A m erica 2009

06 a 09 de julho - São Paulo - SP - www.labellatinoamerica.com.br

Patrocínio Papel O ffset

Chambril 100% produtividade I N T E R N A T I O N A L ^ ) PAPER


Confira Abigraf-MG patrocinou a Embala Minas Com cerca de 120 mil indústrias, Minas Gerais se des­ taca como uma das forças empreendedoras do País. Realizada de 14 a 16 de abril, em Belo Horizonte, a Embala Minas, 3a Feira de Embalagens e Processos de Minas Gerais, reuniu cerca de 250 expositores. Nesta edição, a feira teve como destaque o 3e Minas Expograf, Salão de Fornecedores para a Indústria Gráfica, que, somados aos setores de processos, design, flexografia e indústrias do papel e do plástico, fazem da Embala Minas um dos mais completos eventos volta­ dos a vários segmentos industriais e comerciais.

Prêmio Idea Brasil 2009 Organizado pela Associação Objeto Brasil, em parce­ ria com a Apex-Brasil, com a chancela da Industrial Designers Society of America (IDSA), a edição brasi­ leira do prêmio Idea - International Design Excellence Award - visa reconhecer o trabalho desenvolvido por designers, estudantes, empresas e indústrias em 18 categorias. A cerimônia de entrega dos tro­ féus aos vencedores acontecerá em 30 de julho. Mais informações no site www.ideabrasil.com.br ou e-mail premio@ideabrasil.com.br.

Novos Associados shtO

MTO Gráfica

GRAFICA E EDITORA

Caminhando para o seu terceiro ano de vida, a MTO Gráfica pode ser considera­ da uma empresa jovem. Fundada em 2006, a companhia está ganhando reconhecimento a cada dia, graças a qualida­ de do trabalho e ao moderno parque gráfico. Atuando nos setores promocional e de embalagens, a gráfica oferece serviços de impressão, acabamento e criação, atendendo diretamente aos clientes ou de forma terceirizada. Apesar de recente adesão à Abigraf-SP, a MTO já usufrui dos be­ nefícios oferecidos. "Eu fiz, em março, o programa sobre PCP para o segmento promocional e de embalagens. Com a associação pretendemos fazer mais cursos", comenta o gerente de produção, Carlos Cândido. MTO Gráfica Endereço: Rua Clemente Cunha Ferreira, 700 - Poá / SP Telefone: (11) 4638-5065 Site: www.mtografica.com.br Gráfica Resoluçã<

RS de Paula Com mais de 10 anos no mercado, a gráfi­ ca RS de Paula é referência na impressão de cartões de PVC. Fundada em 1997, a empresa se destaca pela fabricação e personalização de seus produtos, sendo a li­ nha Cartão MAX - um cartão patenteado e exclusivo, voltado para birôs de personalização - um de seus diferenciais. Entre os clientes estão diversos bancos, seguradoras e planos de assis­ tência médica. Apesar de ter se associado a Regional São Paulo há pouco tempo, a gráfica está bastante integrada. "Fazemos parte do Grupo Empresarial de Cartões (GE-Card) e queremos nos aproximar do Graphia", destaca o sócio-diretor, Renato So­ ares de Paula. Gráfica RS de Paula Endereço: Rua Rosina Loos, 43/45 - São Paulo/SP Telefone: (11) 2236-2827 Site: www.rsdepaula.com.br

ServCard

Instalada na região leste do Esta­ do de São Paulo, a Gráfica Reso­ lução nasceu com o objetivo de atender principalm ente a demanda por impressos promocionais, oferecendo uma variada linha de produtos. Por conta disso, desde sua fun­ dação, em 2004, vem obtendo grande reconhecim ento, verificado no crescim ento do número de clientes, que abrangem empresas do setor alim entício até indústrias de base. Segundo o gerente comercial Carlos Eduardo do Nascimento, ingressar na Abigraf-SP vai abrir portas. "A in ­ da não utilizamos nenhum serviço, mas vamos analisar as possibilidades e, com certeza, serão de grande valia", afir­ mou Nascimento.

O Grupo ServCard é uma das gráficas de maior destaque no segm ento de cartões. Fundada em 2002, atua na produção de cartões fidelidade/ identificação, em PVC e os do tipo "in te lig e n te " (Smart Cards). AÍém disso, oferece uma gama completa de ser­ viços aos seus clientes, com destaque para o birô de per­ sonalização de cartões, crachás e manuseio; vendas de acessórios e de equipam entos de personalização. Entre os clientes atendidos, estão grandes grupos, como a São Paulo Transportes S.A, Droga Raia, Banco Itaú, Golden Farma e a Caixa Beneficente da Polícia M ilitar de SP. Também ativa participante, a gráfica faz parte do Grupo Empresarial de Cartões (GE-Card).

Gráfica Resolução Endereço: Rua Emilio Winther, 106 Taubaté / SP Telefone: (12) 2125-1700 Site: http://www.resolucaografica.com.br

Grupo ServCard Endereço: Rua Antonio Gil, 1425 São Paulo/SP Telefone: (11) 5035-6700 ou 5567-3223 Site: www.servcard.com.br


DOS IMPRESSOS EM PAPEL

FABRICADO NO PROVÊM DE FLORESTAS

PLANTADAS A#

ABIGRAF

Boletim Impressões - Ano 5 - Edição 24  
Advertisement