Page 1

MACEIÓ - ALAGOAS 5 E 6 DE MAIO DE 2018

N0 3.138

R$

4,00

tribunahoje.com

NÚMERO DE ASSALTOS A BANCOS AUMENTA EM ANOS ELEITORAIS LEVANTAMENTO DO SINDIBANCÁRIOS APONTA QUE NOS MESES QUE ANTECEDERAM AS ELEIÇÕES DE 2014 OCORRERAM 67 ASSALTOS A BANCOS EM ALAGOAS, NUMA MÉDIA DE 5,58 OCORRÊNCIAS POR MÊS. NOS DOZE MESES SEGUINTES FORAM 30 ASSALTOS, DERRUBANDO A MÉDIA DE OCORRÊNCIAS PARA 2,5 POR MÊS. PÁGINAS 4 e 5

ADAILSON CALHEIROS

BOAS PRÁTICAS JOVENS ALAGOANOS SUPERAM ADVERSIDADES E DÃO SHOW DE SUPERAÇÃO

A Tribuna traz à baila em reportagem especial três histórias e exemplos de jovens e adolescentes alagoanos que se tornaram referência em boas práticas. Um dos casos é o da jovem Rafaela Barros, que superou uma doença degenerativa que a fez passar quase 6 anos numa UTI e relata a experiência em livro, mostrando que vale a pena viver. Outras ajudam a mudar o cotidiano da comunidade em que estão inseridas e dão um show de empreendedorismo juvenil. ESPECIAL RAFAELA BARROS não se entrega à doença degenerativa muscular que lhe tolhe os movimentos e faz recorrer a um espelho para enxergar o interlocutor

BELEZA PARADISÍACA

RIOS DO LITORAL NORTE TÊM MAIOR POTENCIAL PARA O DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO Região concentra cinco dos mais importantes rios do Estado: Santo Antônio, Camaragibe, Tatuamunha, Manguaba e Maragogi. O Santo Antônio fez surgir a Ilha da Croa e Porto Calvo. O Camaragibe é o primeiro da Rota Ecológica. PÁGINA 21

SÉRIE B

NESTE SÁBADO!

CRB DESENCANTA E CONQUISTA SUA PRIMEIRA VITÓRIA NA COMPETIÇÃO O CRB conseguiu na noite de ontem, no Estádio Rei Pelé, sua primeira vitória na Série B ao bater por 3x1 o Atlético-GO. O Galo, que agora é 17º colocado - e continua na zona de rebaixamento -, enfrenta o Sampaio Corrêa segunda-feira.

RENAN FILHO INAUGURA OBRA QUE VAI DESCONGESTIONAR AVENIDA FERNANDES LIMA PÁGINA 14

CASAS DE FARINHA

MPT RESGATA MAIS DE 80 PESSOAS EM TRABALHO ANÁLOGO AO DE ESCRAVO PÁGINA 10

ENTREVISTA

,

"REFORMA TRABALHISTA NÃO AUMENTOU NÚMERO DE POSTOS DE TRABALHO" Há mais de cinco meses aprovada, a reforma trabalhista não levou ao aumento de postos de trabalho, como prometido por seus defensores, e, ainda, provoca insegurança jurídica tanto para empregadores como empregados, avalia Rafael Gazzaneo, procurador-geral do Ministério Público do Trabalho (MPT). PÁGINA 2

TEMPO

Bom a parcialmente nublado com possiblidades de chuvas em áreas isoladas

Mínima

23º

Máxima

32º

MARÉS

02:34 08:45

2.1m 0.2m

14:53 2.2m 21:06 0.1m

TRIBUNA TV ALICE WEGMANN DIZ QUE NÃO VÊ GLAMOUR EM CARREIRA NA TV Aos 22 anos, a atriz Alice Wegmann é a protagonista de “Onde Nascem Os Fortes”, mas diz não ver glamour na carreira na TV, e sim uma forte carga de entrega e emoção ao papel. Para o trabalho, a carioca se mudou por quatro meses para o interior da Paraíba, onde a supersérie tem a maior parte das cenas gravadas, e se encantou com o povo local. SUPLEMENTO

FINANÇAS

DÓLAR COMERCIAL DÓLAR PARALELO R$ 3,46 R$ 3,46

R$ 3,40 R$ 3,60

OURO

R$ 148,22

POUPANÇA 0,3715%


TRIBUNAINDEPENDENTE

2 POLÍTICA MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Política

A insegurança jurídica ainda é muito grande. O próprio empregador não se sente seguro em contratar no sistema intermitente. O próprio Caged reflete isso. Os números são pífios. RAFAEL GAZZANEO PROCURADOR-GERAL DO MPT-AL

Reforma gera insegurança jurídica

Procurador-geral do MPT em Alagoas, Rafael Gazzaneo trata sobre os poucos efeitos da Lei Nº 13.467/2017

ESPLANADA LEANDRO MAZZINI - contato@colunaesplanada.com.br

Escândalo Ducaramba!

A

lvo da 36ª fase da Operação Lava Jato (fase Caça Fantasma) em 2016, o FBP Bank é suspeito de desaparecer com R$ 50 milhões de investidores brasileiros e estrangeiros, que agora cobram do banqueiro e empresário Nelson Pinheiro. Ele é ex-acionista dos bancos Pine e BMC e controlador da indústria de alimentos Ducoco e da financeira Brickell. Pinheiro ficou na mira até da Superintendência de Bancos do Panamá, onde o FBP era sediado e foi fechado pelo órgão do governo daquele país após a operação.

Extrato judicial Desde o ano passado, Pinheiro é alvo de processos movidos por clientes do extinto FPB Bank Inc. A assessoria do banqueiro ainda não respondeu à Coluna.

Cá e lá À época da operação, o FBP foi acusado de atuar no Brasil sem autorização do Banco Central. A Superintendência de Bancos do Panamá fechou a instituição no mesmo ano.

Peso da mão A atriz Luiza Brunet estuda processar o ex-namorado Lírio Parisotto na Comarca de Nova York, onde ocorreu a briga motivo da denúncia. Lá esse crime não prescreve.

Christina x Valdemar Por falar na Justiça dos EUA, outra brasileira sobe nos tamancos por lá. A Comarca de Miami marcou para dias 10 e 31 de maio audiências para ouvir o ex-deputado Valdemar da Costa Neto (PR-SP) nos processos em que a ex-mulher, a socialite Maria Christina Mendes Caldeira, pede partilha de bens do divórcio e o acusa de ter contas offshore no País. Até o FBI entrou no caso, já revelou a Coluna.

Cerco americano Valdemar não comenta casos pessoais. O político está proibido de pisar no País yankee por decisão judicial, a favor da ex-mulher que o acusa de perseguição, e será representado por advogado. O ex-deputado já avisou que a processou anos atrás por litigância de má fé.

Sofra, brasileiro Não bastasse o sofrimento de tolerar maus políticos por quatro anos, o brasileiro sofre até para transferir um título de eleitor. o prazo é até a próxima quarta-feira, mas veja o que o TRE de Brasília apronta: só funciona de segunda à quarta. Ontem, um cidadão ficou exatos 3h36 na fila para transferir o título de SP para o DF.

PSDB-PPS A chapa PSDB-PPS confirmada em Brasília é ensaio que pode se repetir no plano nacional. Cristovam Buarque (PPS) fechou com o deputado Izalci Lucas (PSDB). O senador tenta a reeleição na chapa do tucano, que disputará o Governo do DF.

Ensaio Sabe quem vai elaborar do programa de educação do programa de Governo da campanha de Geraldo Alckmin (PSDB) ao Planalto? O professor Cristovam Buarque.

Poder das redes Veja o poder das redes sociais. A página ‘Quem mandou matar Mariele e Anderson?’, criada no Facebook pelo PSOL, já contava ontem com 1.237.910 seguidores.

Da prateleira ! O escritório da Apex-Brasil na Rússia traz para a edição 2018 da feira APAS, a maior supermercadista da América Latina, delegação de cinco grandes empresas da região. Entre elas, a Kazkontrakt, gigante que opera na Rússia e Cazaquistão e que tomou uma decisão estratégica de trabalhar com fornecedores brasileiros de alimentos.

Rendeu Veja como as feiras de negócios dão resultados, cedo ou tarde. Diretores da Kazkontrakt visitaram o estande da Apex na feira Prodexpo, em fevereiro em Moscou, conversaram com empresas brasileiras e agora desembarcam aqui para assinar contratos.

Alerta internacional Vai mal o apoio do cidadão ao mercado e democracia, indicam pesquisas recentes de institutos da Europa e América do Sul. O professor do Departamento de Geografia da PUC-Rio Álvaro Ferreira debaterá o tema em Barcelona, no encontro “As Ciências Sociais e a construção de uma sociedade pós-capitalista”. Alertará que há uma crescente ameaça à legitimidade da democracia.

Tão perto Uma pesquisa realizada pela ONG chilena Latinobarómetro revelou que apenas 53% dos cidadãos consultados mostram-se partidários da democracia na América Latina, declínio mais acentuado nos últimos cinco anos. Com Equipe DF, SP e Nordeste www.colunaesplanada.com.br contato@colunaesplanada.com.br Twitter @leandromazzini

SANDRO LIMA

CARLOS AMARAL REPÓRTER

C

om cerca de cinco meses em vigor, as novas regras nas relações de trabalho aprovadas com a Lei Nº 13.467/2017 – conhecida como reforma trabalhista – não têm gerado os efeitos propagados por seus defensores. Nem houve aumento no número de empregos, nem passou a haver mais segurança jurídica entre patrões e trabalhadores. Para tratar desse tema, a Tribuna Independente entrevistou Rafael Gazzaneo, procurador-geral do Trabalho em Alagoas. Para ele, os argumentos usados para justificar a aprovação da reforma se mostraram falsos. Tribuna Independente – As novas regras da reforma trabalhista estão em vigor desde novembro de 2017 e qual tem sido o reflexo delas nas denúncias que chegam ao Ministério Público do Trabalho (MPT)? Rafael Gazzaneo – O número de denúncias permaneceu estável, num patamar parecido com os meses que antecederam à reforma. Não houve, em relação às denúncias, nenhuma alteração substancial de grande mote. Tribuna Independente – E no perfil das denúncias? Rafael Gazzaneo – Por incrível que pareça, também não. O que existe, de forma mais geral, é uma apreensão, digamos assim, muito grande das entidades sindicais em enfrentar essa nova realidade, que ainda está por ser destrinchada e interpretada. Ainda há muitas dúvidas e, em função disso, parece, o ritmo de denúncias permaneceu o mesmo, o que não se pode dizer em relação ao número de ações trabalhistas. E aí, isso é estatisticamente comprovado, houve uma redução em Alagoas, no comparativo entre os mesmos períodos, uma redução de 40%. Tribuna Independente – A que o senhor atribui essa redução, é à possibilidade de o trabalhador arcar com as custas do processo, por exemplo? Rafael Gazzaneo – Num primeiro momento, a gente pode atribuir essa redução a todas essas dúvidas. Existem dúvidas ainda muito significativas sobre a extensão da reforma e isso gera, naturalmente, insegurança por parte de quem quer demandar, assim como por parte dos advogados. É natural que haja uma retração. E se espera que, no momento em que as coisas clareiem, o ritmo no ajuizamento de ações volte ao normal. Agora, também uma coisa importante: antes da reforma ocorreu aumento brutal no número de ações, justamente pela perspectiva da entrada em vigência da nova lei. Houve uma corri-

Rafael Gazzaneo destaca ainda que não houve aumento no número de postos de trabalho com a reforma

Uma boa parte da reforma é questionada sob o ponto de vista da Constituição. Muitas das alterações são consideradas inconstitucionais por juristas de destaque, mas tudo está na mão do Supremo

O que existe, de forma mais geral, é uma apreensão, digamos assim, muito grande das entidades sindicais em enfrentar essa nova realidade, que ainda está por ser destrinchada e interpretada

Estamos nessa fase ainda, de observação e saber até que ponto a reforma vai impactar no número de denúncias no MPT e também no número de ações perante o Poder Judiciário trabalhista

da por parte dos trabalhadores que queriam demandar ações, daí é natural que houvesse uma queda após a entrada vigência da lei. Estamos nessa fase ainda, de observação e saber até que ponto a reforma vai impactar no número de denúncias no MPT e também no número de ações perante o Poder Judiciário trabalhista. Tribuna Independente – Foi noticiado recentemente que o Tribunal Superior do Trabalho (TST) estava com dificuldades em aplicar suas decisões de acordo com as novas regras, em parte porque os magistrados discordam do teor da reforma trabalhista. Em sua avaliação, esse comportamento se repete no mundo jurídico do trabalho aqui em Alagoas? Rafael Gazzaneo – A mesma incerteza que existe nos demais estados da Federação, existe em Alagoas. Aí é que está a grande contradição. Essa reforma foi feita, segundo quem advogada sua aprovação, sob o discurso de que ela traria segurança jurídica aos empregados e, sobretudo, aos empregadores. Outro argumento muito usado era o de que deveria ter aumento grande nos postos de trabalho. Esses argumentos, até agora, estão sendo desmoralizados. A insegurança jurídica ainda é muito grande. O próprio empregador não se sente seguro em contratar no sistema intermitente. O próprio Caged [Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho] reflete isso. Os números são pífios. Ao mesmo tempo, em relação aos postos de trabalho, não houve aumento com o advento da reforma. Alguém pode até argumentar que a reforma é recente e que o aumento dos postos de trabalho só será sentido no futuro. Tribuna Independente – O desemprego, em termos percentuais, está no mesmo patamar do governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB)...

Rafael Gazzaneo – Exatamente. Entre 13 e 14 milhões de desempregados. É um absurdo. E é interessante que houve até um pequeno aumento na formalização, se comparar 2017 e 2018. Mas, claramente, os postos de trabalho criados, na maioria deles, não são no regime da CLT [Consolidação das Leis Trabalhistas], é precário. Trabalho por conta própria. E quando é no regime da CLT, a qualidade do emprego ofertado é muito precário. Houve um levantamento recente em que no Centro-Sul, os empregos criados com carteira assinada são de, no máximo, até dois salários mínimos e no Centro-Norte, o salário mínimo impera e vigora. Ou seja, o pouco que se cria em contratos formais são de valores muito reduzidos. Obviamente que isso tem impacto na economia, na renda geral e no consumo. Tribuna Independente – O senhor, como operador do Direito, acredita ser possível reverter – em parte ou no todo – no Supremo Tribunal Federal (STF) o conteúdo da reforma trabalhista? Rafael Gazzaneo – Sem dúvida. Uma boa parte da reforma é questionada sob o ponto de vista da Constituição. Muitas das alterações são consideradas inconstitucionais por juristas de destaque, mas tudo está na mão do Supremo que até agora não se manifestou sobre nada. Ele também não deu liminar sobre nenhum dispositivo em que alegou inconstitucionalidade. E o TST, como você acabou de citar, está perdido. Ninguém sabe o que fazer com as súmulas consagradas por anos, com jurisprudência sedimentada. Muitas delas estão em contradição com a chamada ‘nova CLT’ e não sabem nem como encaminhar. Até para a aprovação de uma nova súmula, de acordo com a reforma, há exigências terríveis. Tem de ser quase unanimidade para aprovar uma súmula agora. E o TST está nesse imbróglio.


TRIBUNAINDEPENDENTE

Conjuntura

FLAVIO GOMES DE BARROS - flaviogomesdebarros55@gmail.com

Errando para pior

J

. R. Guzzo, em “Veja”: “Como pode haver democracia num país em que onze indivíduos que jamais receberam um único voto governam 200 milhões de pessoas? Os ministros do Supremo Tribunal Federal, entre outras manifestações de onipotência, deram a si próprios o poder de estabelecer que um cidadão, por ser do seu agrado político, tem direitos maiores e diferentes que os demais. Fica pior quando se considera que oito desses onze foram nomeados, pelo resto da vida, por uma presidente da República deposta por 70% dos votos do Congresso Nacional e por um presidente hoje condenado a mais de doze anos de cadeia. Querem piorar ainda um outro tanto? Pois não: o próximo presidente do STF será um ministro que foi reprovado duas vezes seguidas no concurso público para juiz de direito. Quando teve de prestar uma prova destinada a medir seus conhecimentos de direito, o homem foi considerado incapaz de assinar uma sentença de despejo; daqui mais um tempo vai presidir o mais alto tribunal de Justiça do Brasil. Um outro ministro não vê problema nenhum em julgar causas patrocinadas por um escritório de advocacia onde trabalha a sua própria mulher. Todos, de uma forma ou de outra, ignoram o que está escrito na Constituição; as leis que valem, para eles, são as leis que acham corretas.”

Brecha O governo estadual está construindo quatro hospitais, para entrega ainda este ano. Mas ninguém imagine que haverá concurso para médicos, enfermeiros e pessoal do corpo administrativo. Essa turma toda será contratada dentre Organizações Sociais que já atuam na área. Todas, naturalmente, sem concurso público.

Aliás Em recente entrevista ao programa “Conjuntura”, da TV Mar, o Secretário do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques Santos, revelou que a estrutura do Estado hoje dispõe de cerca de três mil cargos em comissão e cinco mil terceirizados. Tem também os “precarizados”, sem qualquer direito trabalhista.

Creci Edílson Brasileiro é o novo presidente do Creci – Conselho Regional dos Corretores de Imóveis, secional de Alagoas, em substituição a Vilmar Pinto. Ele foi eleito pela Chapa 1, com 663 votos. Sóstenes Galindo, da Chapa 2, obteve 386 votos, enquanto o candidato da Chapa 3, Maerval Chaves, conseguiu 286 votos.

Jiu-Jitsu O vereador Eduardo Canuto (PSDB) apresentou projeto na Câmara Municipal de Maceió reconhecendo o caráter educacional do Jiu-Jitsu e possibilitando a formação de parcerias para sua implantação nos estabelecimentos de educação básica do município. “Em Maceió tem muita gente vivendo do Jiu-Jitsu”, justifica.

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018 POLÍTICA

Alagoas pode ter mais 50 mil eleitores este ano Mais de 19 mil já retiraram o título e prazo junto ao TRE-AL está encerrando

Foi sancionada pelo prefeito Rui Palmeira a lei municipal nº 6.742/18, de autoria da vereadora Tereza Nelma, instituindo 24 de novembro como Dia Municipal da Redução de Danos. Por redução de danos e riscos entendam-se todas as políticas, programas e práticas visando reduzir riscos pelo uso de drogas lícitas e ilícitas.

“Tô fora” Do coordenador do Museu da Imagem e do Som, Fernando Lôbo, ao se demitir, segundo o portal “Éassim”: “Não posso me permitir a passar um atestado de incompetência, diante das tantas demandas até agora não resolvidas e também frente às dificuldades para tocar as rotinas do Misa, em especial. Cheguei ao limite.”

Opinião Ricardo Noblat: “O fenômeno da intolerância e da divisão política não é coisa nossa. Entre 27 países recém-pesquisados pelo Instituto Ipsos, o Brasil é o sétimo no ranking de intolerância, empatado com os Estados Unidos, a Polônia e a Espanha. A Sérvia, o primeiro. A Argentina, o segundo. Aqui, 84% das pessoas veem o país dividido.”

Eu temo pelo futuro da Justiça do Trabalho” IVES GANDRA MARTINS FILHO Ministro do TST, ao comentar a resistência de magistrados à nova legislação trabalhista

* O Projeto Justiça Itinerante, do Tribunal de Justiça de Alagoas, promove um mutirão de ações cíveis de menor complexidade e casamento coletivo, neste sábado. O evento acontece das 8 às 17 horas, na UNIT, e cterá a participação de 13 magistrados. * Referência nos atendimentos de trauma em Alagoas, o Hospital Geral do Estado, em parceria com o Samu, realiza neste domingo, na Avenida Sílvio Viana, Ponta Verde, um evento de prevenção aos acidentes de trânsito. A ação se inicia às 8 hoas. * Os caminhos de quem gosta da música regional levam neste sábado à Bodega do Sertão. Das 8 às 10 horas tem a “Abertura do São João do Nordeste”, nos “60 Anos do Trio Nordestino”. A festa mesmo será em 1º de junho, no Maceió Atlantic. * Neste domingo, 6 de maio, o Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas recebe, às 10 horas, mais um “Concerto aos Domingos”. A atração do dia é o Quinteto Parambuco. O programa inclui Ernesto Nazaré, Pixinguinha, Waldir Azevedo, Sivuca, Senô... * O espetáculo “Melhores do Mundo Futebol Clube” está de volta a Maceió, com a companhia Os Melhores do Mundo, a partir das 21h30m deste sábado, no Teatro Gustavo Leite, do Centro de Convenções de Maceió. Contato: 99928.8675. * Estudantes do Colégio Inovar, com sede em Atalaia, trabalham há três meses a construção de 11 projetos inovadores, viáveis economicamente e sustentáveis. A “I Oficina de Startup” será apresentada neste sábado, 19 horas, na quadra de esportes

ASSESSORIA

THAYANNE MAGALHÃES REPÓRTER

O

desembargador José Carlos Malta Marques, presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AL), concedeu na última sexta-feira (4), uma entrevista coletiva para reforçar que termina na próxima quarta-feira (9), o prazo para a retirada dos títulos eleitorais. O presidente do TRE-AL faz um chamamento público, convocando as pessoas interessadas em exercer a cidadania no pleito deste ano e resolva suas pendências com a Justiça Eleitoral. A expectativa é que o número de eleitores cresça uma média de 3% este ano, no Estado. Até agora, a poucos dias de encerrar o cadastro, este percentual de aumento não chegou a 1%. São esperados 50 mil novos eleitores e a Justiça Eleitoral informou que apenas 19,3 mil foram deferidos. Segundo o desembargador, o prazo de alistamento é nacional e não terá prorrogação. Com isso, o eleitor não poderá votar se não tiver os dados inseridos ou com pendências. Quem deixar de votar fica com restrições no título eleitoral e está sujeito ao pagamento de

Presidente do TRE, Malta Marques reforça o chamamento para que a população retire o título eleitoral

multa no valor de R$ 3,50. Somente após 10 dias do segundo turno é que o eleitor poderá retomar a busca pelo documento. EQUILÍBRIO O desembargador destaca que o TRE trabalha há

BARRA E PARIPUEIRA

cerca de um ano para as eleições e espera um pleito tranquilo. Para Malta Marques, com o fim do financiamento privado, o pleito tende a ser mais equilibrado. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reduziu de

55 para 42, no Estado. Além disso, seriam 13 juízes e desembargadores a menos para fiscalizar o processo. Para José Carlos Malta Marques, a medida tomada pelo TSE é considerada um retrocesso.

MPE acompanha fechamento de lixões EDITORIA DE POLÍTICA COM ASSESSORIA

Saúde

3

O Ministério Público do Estadual (MPE) registrou, na última sexta-feira (4), o encerramento de dois lixões nos municípios Barra de Santo Antônio e Paripueira, ambos localizados no Litoral Norte. O coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça (CAOP), promotor de Justiça, José Antônio Malta Marques, e a promotora de Justiça, Lídia Malta Prata Lima, acompanharam os eventos. O MPE tem as datas de 10 e 18 de maio para o encerramento de todos os lixões da Zona da Mata e da Região Norte, respectivamente. O promotor de Justiça, José Antônio Malta Marques, reafirma a importância de os prefeitos selarem esse compromisso. “O Ministério Público ficou se sentiu satisfeito ao perceber a iniciativa dos dois municípios que deram um salto no que diz respeito ao meio ambiente. Essa é uma verdadeira mudança de paradigmas, posto que encerraram seus lixões, dando à sociedade um exemplo e garantindo a saúde das suas populações. Hoje demos uma grande arrancada para o programa de lixões zero, sendo desta feita na região norte do Estado”, afirma Malta Marques. Na fase final dessa luta incessante para que Alagoas se molde a Política Nacional de Resíduos Sólidos, o Ministério Público aguarda o encerramento de todos os lixões até o início da segunda quinzena deste mês, mais precisamente dia 18. Na Zona da Mata, o encerramento dos lixões, programado para o dia 10 de maio, começará as 9h, pela cidade de Murici. Já no próximo dia 28, o Ministério Público participará de uma grande solenidade, onde os prefeitos de todos os municípios que encerraram seus lixões receberão certificado de reconhecimento.


4

POLITICA

TRIBUNAIND

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Assaltos e explosões em bancos crescem em

ano eleitoral SINDICATO DOS BANCÁRIOS DE ALAGOAS MOSTRA QUE NO PERÍODO DE DOZE MESES ANTES DAS CONVENÇÕES PARTIDÁRIAS, CRIMINOSOS AGEM COM MAIOR FREQUÊNCIA NAS CIDADES DO INTERIOR DO ESTADO CARLOS VICTOR COSTA CARLOS AMARAL REPÓRTERES

S

empre que o período eleitoral se aproxima, as notícias sobre assaltos a banco ganham mais atenção. Muita gente tem a certeza absoluta de que o produto desses crimes terá como destino o financiamento de campanhas eleitorais, enquanto que outros já possuem dúvidas. Mas, o fato é que sim, nos meses que antecedem o início das campanhas políticas o número de assaltos a agências e explosões a caixas eletrônicos aumentam. Ao menos em Alagoas. Dados dos Sindicatos dos Bancários de Alagoas, contabilizados desde 2013, apontam que nos doze meses que antecedem às convenções partidárias, a média de assaltos a agências bancárias, explosões de caixas eletrônicos e tentativas desse tipo de crime são maiores que nos doze meses após as convenções partidárias, mesmo com a redução significativa, no cômpito geral, desses crimes. De julho de 2013 a junho de 2014, o Sindicato registrou 67 assaltos, ataques a caixas eletrônicos e tentativas, numa média de 5,58 ocorrências por mês. Nos doze meses após as convenções de 2014, a média de ocorrências foi de 2,5 por mês, totalizando 30. Já no período entre julho de 2015 e junho de 2016, foram 33 assaltos, ataques e tentativas, média de 2,75/mês; nos doze meses após as convenções de 2016 – primeira eleição sem o financiamento empresarial de campanha –, foram 24 ocorrências, com média de duas mensais. De julho de 2017 a abril deste ano, segundo os dados do Sindicato dos Bancários, foram 20 assaltos, explosões e tentativas, numa média de duas por mês. Porém, o detalhe é que este intervalo é de somente 10 meses. Se os números parecem apontar relação direta entre os assaltos a banco e explosões em caixas eletrônicos e as eleições, as autoridades na área da segurança pública não atestam tal ligação. Nem mesmo o presidente do Sindicato dos Bancários, Márcio dos Anjos, crava que o dinheiro roubado é destinado ao financiamento de campanhas políticas. “Seria leviano dizer que há ligação direta com a questão eleitoral. O que eu posso dizer – e afirmar –, mesmo não sendo nenhum estudo científico, é que temos estatísticas onde os números nos mostram, com clareza, que nos anos eleitorais acontecem mais assaltos nas agências bancárias que nos demais anos. É coincidência? Tem algo a ver com o processo [eleitoral]? Jamais afirmaria uma coisa dessa, até porque quem tem de dizer é a polícia. O que temos são dados que provam que, coincidência ou não, acontecem mais assaltos nas agências no período eleitoral”, comenta o sindicalista em entrevista à reportagem da Tribuna Independente.

MÁRCIO DOS ANJOS: “Temos clareza que nos anos eleitorais acontecem mais assaltos nas agências bancárias que nos demais anos”

Secretário de Segurança crava: “Assaltos não têm ligação com a política”

O

secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Lima Júnior, afirmou à reportagem da Tribuna Independente que os ataques às agências bancárias de Alagoas não têm relação alguma com as eleições. “Temos realizado um grande trabalho de combate à explosão de banco aqui no estado. A primeira coisa que tem de ficar claro é que, até o presente momento, não há nenhuma ligação entre explosão de banco com período eleitoral na nossa gestão”, crava o titular da Secretaria de Segurança Pública (SSP). Lima Junior detalhou algumas ocorrências para mostrar a falta de relação entre ataques a agências bancárias com o período eleitoral. Segundo ele, são quadrilhas que vivem de explodir bancos e sem nenhuma ligação política. “Quando a gente prende a quadrilha se faz levantamento de quem são as pessoas. Sem-

pre tem o trabalh então não tem esse a pouco, a gente po que seja ligada a a não ocorreu. Falo d por saber o perfil d mos. São quadrilh de vários estados e dos. Não tem essa de bandido com hi Ainda de acord as quadrilhas que bancos em Alagoas mortas em confron

DADOS DA SS

A SSP não reg saltos às agências praticados sem uso Mesmo assim, seu doze meses anteri rais, as ocorrência dos após os encont Segundo os nú portagem pela SS junho de 2016 oco com explosivos a a caixas eletrônicos 1,9 por mês. Já entre julho d SSP registrou 15 rombamentos de a caixas eletrônicos. apenas dez meses. No pós-convenç cretaria, foram 1 de 2016 e junho d ocorrência por mês rombamentos de a


DEPENDENTE

ho de inteligência por trás, e link até o momento. Daqui ode prender uma quadrilha alguém, mas até o agora isso de forma tranquila e segura das pessoas que nós prendehas compostas de elementos e que atuam em vários estaa ligação. A maioria deles é istórico, muitos de facções”. do com o secretário, todas e ocasionaram explosões a s neste ano foram presas ou nto.

SP

gistra as tentativas de ass bancárias, nem os crimes o de explosivos, com reféns. us dados apontam que nos iores às convenções eleitoas são maiores que os períotros partidários. úmeros apresentados à reSP, entre julho de 2015 e orreram 23 arrombamentos agências bancárias (22) e a (1) em Alagoas. Média de

de 2017 a abril deste ano, a ocorrências, sendo oito aragências bancárias e sete a . Média mensal de 1,5, com . ções, do fornecido pela Se18 ocorrências entre julho de 2017, isso representa 1,5 s. Dezessete deles foram aragências bancárias.

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

DIVULGAÇÃO

SANDRO LIMA

POLITICA

5

DIVULGAÇÃO

AGÊNCIAS NOS municípios são os principais alvos dos criminosos no período que antecede as eleições

LIMA JÚNIOR, titular da Secretaria de Segurança Pública, destaca combate do Estado para coibir os crimes nas agências bancárias Segundo Lima Júnior, os números de prisões realizadas nos últimos dois anos e meio explicam a redução que esse tipo de crime vem tendo no estado. Ele ressalta o fato de Alagoas ter reduzido esse tipo de crime enquanto estados vizinhos como Bahia, Pernambuco e Sergipe tiveram crescimento “estúpido”. Entretanto, o secretário destaca que o aumento não se deu em ano de convenções partidárias e eleições. “Aqui fizemos o dever de casa e não deixamos passar em branco o fortalecimento das inteligências das polícias e da integração com as inteligências de outros estados”, comenta Lima Júnior. Ele também pontua o “fim das fronteiras” entre os estados para a execução de ações policiais. “Isso foi muito importante e foi um grande passo. Qual era o modus operandi dessas quadrilhas? Eles explodiam um banco em Alagoas e iam para Pernambuco. Chegavam em qualquer cidade e se instalavam, na confiança de que a polícia daqui não os alcançaria. No máximo, faríamos um relatório de inteligência e o mandaríamos para o órgão de inteligência do outro estado. Daí, eles iam trabalhar e quando percebessem, os criminosos já tinham explodido banco lá e corrido para outro estado”, relata Lima Júnior. O secretário de Segurança Pública acredita que o êxito das ultimas operações realizadas pelas forças policiais contra assalto a banco trará um hiato nesse tipo de ocorrência em Alagoas. “Depois dessas operações que nós fizemos neste ano vai ter um sossego. Tivemos seis ocorrências de explosão, sendo duas em abril. Em março não teve nenhuma”, diz Lima Júnior.

Delegado diz haver possibilidade de relação entre assaltos e eleições

S

e o coronel Lima Júnior, titular da SSP, descarta qualquer ligação entre os assaltos a banco no Estado durante o período eleitoral à disputa política, o delegado Vinícius Ferrari, da Seção de Roubo a Banco (Serb) da Polícia Civil de Alagoas, acredita na possibilidade de os roubos serem usados para financiar campanhas políticas. Contudo, ele ressalta não haver nenhum levantamento comprovando a ligação. “Isso não é estudo, não é nada. Por que eu acho que aumenta o número de roubo a bancos em ano eleitoral? Por conta da demanda por dinheiro. Muitos dos ladrões de banco são agiotas que emprestam dinheiro a juro nessa época e muitos dos candidatos estão à procura de dinheiro para as campanhas. Então, eu acho que isso pode explicar esse aumento em ano eleitoral, muito embora esse ano a estatística não esteja muito alta”, diz o delegado Vinícius Ferrari. Lima Júnior questiona a fala do delegado Titular da Serb. Para ele, qualquer posicionamento tem de ser apenas com base nos números da SSP. “Quando eu dou o posicionamento da Secretaria de Segurança, o faço com embasamento porque eu estou convicto de que não existe ligação”, garante. RASTREAMENTO O delegado foi questionado sobre a possibilidade de rastrear o dinheiro roubado. Segundo Vinícius Ferrari, esse tipo de ação é difícil porque os bancos não informam o montante que havia nos locais alvos de roubo. “Os bancos não informam quanto foi roubado e é

VINÍCIUS FERRARI destaca que, por conta da demanda por dinheiro, agiotas são procurados por políticos em campanha

bem difícil rastrear dinheiro em espécie”, explica o delegado. Segundo Márcio dos Anjos, do Sindicato dos Bancários, não há no Brasil nenhum mecanismo de rastreamento de dinheiro roubado. “Pelo menos que eu tenha conhecimento. Nem o Banco Central tem algum instrumento para monitorar a sequencia de cédulas. Esse caminho é difícil de ser seguido”, comenta o sindicalista. CAIXA E PF Somente assaltos a agências da Caixa Econômica Federal são investigados pela Polícia Federal (PF), mesmo havendo outros bancos públicos no país, a exemplo do Banco do Brasil ou do Banco do Nordeste. Segundo Márcio dos Anjos, essa distinção se deve ao fato de que somente a Caixa é 100% pública. “O Banco do Brasil e o Banco do Nordeste são públicos, assim como a Caixa, mas eles são de economia mista. Têm acionistas. 50,08% do Banco do Brasil pertencem ao Governo Federal, mas o restante são de acionistas. Por isso só a PF investiga assaltos a suas agências”, explica Márcio dos Anjos. ASSESSORIA


6

OPINIÃO

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Opinião

Dia do Rio prorrogado

A

Agência Nacional de Águas (ANA) prorrogou o Dia do Rio até 31 de julho, por meio da Resolução nº 33/2018, publicada no Diário Oficial da União de 2 de maio, e continuará acontecendo às quartasfeiras. Com isso, semanalmente os usuários de recursos hídricos do Velho Chico terão que continuar suspendendo suas captações de água, desde que não seja para abastecimento humano e para matar a sede de animais – estes dois tipos de uso são prioritários em situações de escassez, conforme a Política Nacional de Recursos Hídricos. O Dia do Rio tem o objetivo de preservar os estoques de água nos reservatórios da bacia do rio São Francisco para atendimento aos usos múltiplos da água, já que a região passa, desde 2012, pela seca mais severa já registrada. Outra mudança trazida pelo documento é que o Dia do Rio poderá ser prorrogado novamente caso as condições hidrológicas e de armazenamento de água nos reservatórios da bacia do rio São Francisco precisem da

continuidade de medidas de gestão da oferta e da demanda da água para preservação dos estoques da bacia. Conforme a Resolução ANA nº 2.219/2017, que prorrogou o Dia do Rio até 30 de abril de 2018, a medida seria estendida caso houvesse o atraso do início do período chuvoso na bacia do Velho Chico. Esta situação acabou não acontecendo em 2018, mas a continuidade da seca na região motivou a prorrogação. Antes de entrar em vigor, o Dia do Rio foi discutido pela ANA e por representantes de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Alagoas e Sergipe (estados banhados pelo Velho Chico); do Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco (CBHSF); e usuários de recursos hídricos da bacia. A medida inclui retiradas de água para todos os usos, inclusive perímetros de irrigação, e também abrange volumes reservados previamente ao Dia do Rio. A regra vale para as captações que ainda não estejam submetidas a regras mais restritivas de uso e abrange cerca de dois mil usuários de água.

PAULO MOREIRA LEITE Jornalista

O problema é outro... Num país que não consegue convencer nossos 17 000 magistrados a abrir mão do auxílio-moradia, a decisão de investigar taxas pagas por moradores de edifícios ocupados de São Paulo ultrapassa todo limite da decência. Sua finalidade pertence aquela família de ideias que transformam uma resposta política num simples exercício imoral. Já que é preciso apagar rapidamente os vestígio de um incêndio trágico no Largo Paissandú, revelador de tantas mazelas do país, nada mais fácil do que criminalizar as vítimas. É coerente com as falsificações mentais, a hipocrisia e o ódio que marcam o espírito do tempo. Vamos começar pelo auxílio moradia. Seu valor é R$ 4337,73 para cada um dos 17 000 juizes brasileiros. Se todos embolsarem o benefício, são R$ 84 000 milhões por mês. Ou R$ 897 milhões por anos. Embora todo juiz tenha direito a um teto salário de R$ 30 000, que coloca o cidadão no patamar máximo da renda mensal dos brasileiros, a lei prevê uma ajuda de R$ 4337,73 por mês para o aluguel do magistrado deslocado para trabalhar fora do município onde tem residência fixa. Essa era a razão original. Sabemos que, de uns tempos para cá, a ajuda evoluiu e, agora, os juizes tem o auxílio-moradia como uma espécie de direito assegurado. Basta pedir para levar. Um magistrado de São Paulo é dono de 60 imóveis na cidade e recebe o auxílio. O casal Bretas, no

Rio de Janeiro, não perdoa: marido e mulher recebem um auxílio moradia cada um, embora tenham imóvel na cidade em que residem. Sérgio Moro também tem casa própria em Curitiba. Pediu e recebe auxílio-moradia, como disse, porque deixou de receber reajuste nos salários. Vamos falar das taxas cobradas pelos movimentos de moradia daquelas famílias que se instalam em 70 edifícios ocupados no centro de São Paulo. São pessoas sem carteira assinada e nunca sonharam em ter direito a um reajuste para cobrir inflação. A receita usual é aumentar a jornada de trabalho, até onde der. Os valores variam muito mas é obvio que nenhum se compara ao auxílio-moradia dos juizes. Os mais altos ficam em R$ 400 -- ou 10% do que recebem nossos magistrados. No edifício Cambridge, um dos mais tradicionais hotéis da cidade, que se transformou em residência coletiva e já inspirou até filme elogiado pelos críticos, a taxa é de R$ 150 -- 1/28 de um auxílio moradia. As taxas cobradas dos ocupantes costumam ser resolvidas em assembléia. Destinam-se a cobrir despesas e serviços semelhantes aquelas cobradas pelo condomínio de edifícios onde residem famílias de classe média, cujos valores costumam ser três ou quatro vezes mais altos. Considerando a existência sofrida dos moradores, compreende-se que muitas vezes,

o condomínio é chamado a pagar -- com autorização-- despesas médicas das famílias mais carentes. Em permanente conflito na defesa de seus direitos, enfrentando frequentes ações de despejo, as ocupações também necessitam de uma permanente proteção jurídica -- o que envolve mais despesa. A longa existência de ocupações em São Paulo mostra que ali residem famílias que, sem nenhum auxílio dos poderes públicos, muitas vezes agindo contra eles, mostraram-se a altura de resolver seus problemas, encontrando soluções concretas para problemas da vida real. Em seu esforço, merecem apoio e solidariedade. São uma prova do melhor de nossa cidadania. Não precisam ser incomodadas por atitudes policialescas, típicas de um país habituado a criminalizar a miséria humana em vez de tentar resolvê-la. É mais fácil e até mais rendoso. Sobra mais para a mordomia. Num país onde autoridades convivem alegremente com tantas facilidades para o degrau superior da pirâmide, a investida policial contra os sem-teto atravessa qualquer limite da decência. Será que os gastos com com auxílio-moradia -- dinheiro público -- não poderiam patrocinar as reformas necessárias a manutenção do edifício incendiado, protegido com o dinheiro suado dos moradores? Com a palavra, a equipe de economistas da Lava Jato. Alguma dúvida?

TIAGO PEREIRA Jornalista

Lucros dos bancos

GUILHERME SCALZILLI Historiador e escritor

A isenção do Judiciário Lula é um prisioneiro político porque sua condenação visou tirá-lo de uma disputa eleitoral que ele venceria. As fragilidades da sentença desqualificam a natureza “comum” do julgamento. Os ritos processuais foram meras formalidades, com recursos praticamente ignorados e manobras para ceifar os direitos do réu. O esforço das cortes em seguir a agenda sucessória e o bloqueio de visitas no cárcere possuem idêntica motivação. O homem de 72 anos que o regime judicial de exceção tenta confinar em solitária é o candidato indesejado, o líder partidário de influência perigosa, e não um indivíduo com prerrogativas humanitárias reconhecidas mundialmente. Condenar meia dúzia de figuras menores, decadentes ou aposentadas, jamais equilibrará o gesto inigualável de obstruir uma candidatura favorita à presidência da República. E a comparação de Lula com bandidos célebres só evidencia ainda mais a disparidade financeira, legal e probatória dos respectivos casos. A lisura ideológica do Judiciário termina antes da aplicação do “pa-

radigma Lula” aos processos em trânsito. Que tal meter na cadeia os ex-secretários de Transportes de São Paulo, até que entreguem os chefes? Grampear conversas de Aécio Neves com seus advogados? Enquadrar José Serra no “ato de ofício indeterminado” e colocá-lo em prisão preventiva? Criar uma figura jurídica para incriminar FHC pelas origens do esquema na Petrobrás? Pois é, “veja bem”. Mas o oportunismo das ações judiciais já havia quebrado qualquer fachada de isonomia. A ausência de Eduardo Azeredo viabilizou o rito sumário de Joaquim Barbosa contra os petistas do “mensalão”. Cunha, Aécio, Temer e asseclas eram inocentes até a consumação do golpe que levou o tucanato ao governo federal. Geraldo Alckmin garantiu dois mandatos seguidos, escapou da Lava Jato e percorre o país fazendo campanha. Nunca é demais lembrar que o inquérito contra Serra por crime eleitoral foi extinto no STF. Que o Ministério Público suspendeu o acordo para que os réus da Odebrecht delatassem propinas a Alckmin, Serra e Kassab. Que a operação Castelo de Areia, en-

volvendo a Camargo Corrêa, o Tribunal de Contas e o governo paulista, foi anuladapor supostas irregularidades em grampos telefônicos (!), tendo suas provas destruídas. Depois do impeachment, do trágico governo Temer, da sobrevivência do PSDB paulista e de umas tantas prescrições, é ridículo afirmar que a prisão ilegal de Lula foi o “começo da faxina”. Em vez de seguir as gravíssimas evidências delituosas de seus protegidos, o Judiciário preferiu um apartamento sem dono trocado por favores incertos. A “faxina” é tão imparcial que teve início na única via que tirava o petista das eleições. A isonomia da Lava Jato não passa de um construto simbólico do ideário salvacionista, seletivo e antidemocrático da Cruzada Anticorrupção. Faz parte de sua estratégia inventar simulacros amenos, tardios e insuficientes de uma violência que só atingiu Lula e seus eleitores porque não atingiu mais ninguém. A mancha do partidarismo judicial jamais sairá da memória desses tempos sombrios.

A taxa de desemprego subiu de 11,8% para 13,1% no último trimestre, e os “sem trabalho” somam 13,689 milhões de pessoas. A produção industrial caiu 0,1% em março, na comparação com o mês anterior. Para onde quer que se olhe, ainda são visíveis os sinais da crise na economia, ou pelo menos de uma retomada mais lenta que se previa. Mas há pelo menos um setor que passa ileso pelas turbulências econômicas do país. Aberta a temporada de divulgação de balanços trimestrais, somente os três maiores bancos privados que atuam no Brasil – Itaú Unibanco, Santander e Bradesco – registraram lucro líquido somado de aproximadamente R$ 14,3 bilhões, apenas no primeiro trimestre de 2018. Para o economista Ladislau Dowbor, autor do livro A Era do Capital Improdutivo (Outras Palavras & Autonomia Literária), o lucro dos bancos em cenário de crise não se trata de uma exceção ou aparente contradição, mas justamente revelam o funcionamento de um sistema que, em vez de irrigar a economia real por meio de créditos ao setor produtivo – função essencial básica do sistema financeiro –, vem “sugando” recursos, tanto das famílias e do setor produtivo, como do próprio Estado, por meio dos títulos da dívida pública. À RBA, ele explica que as al-

Presidente José Paulo Gabriel dos Santos

INDEPENDENTE Rua da Praia, 134 - sala 303 - Centro - Maceió / Alagoas Endereço Comercial: Empresarial Humberto Lôbo / Av. Menino Marcelo - 9.350 - Serraria Maceió - Alagoas - CEP: 57.083.410 CNPJ: 08.951.056/0001 - 33

Jorgraf UM PRODUTO:

Cooperativa de Produção e Trabalho dos jornalistas e gráficos do Estado de Alagoas

Diretor administrativo-financeiro Flávio Peixoto Editor geral Ricardo Castro ricardojcastro@yahoo.com

Diretora comercial Marilene Canuto

tas taxas de juros cobradas pelos bancos – que resistem em cair, apesar da redução da taxa básica (Selic) – tem levado a um “enforcamento” das famílias, que, endividadas, têm a sua capacidade de consumo destruída. Sem consumo, as empresas diminuem o ritmo, reduzindo os salários e a própria produção, ou demitindo, em último caso. “A título de comparação, aqui, no Brasil, um empréstimo às famílias está na faixa de 100% a 150% ao ano, segundo pesquisa da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade). Isso é surrealista. Na França, pego empréstimos de até 20 mil euros por 3,5% ao ano. Lá – como no resto do mundo – não existem juros ao mês, essa é uma forma de encobrir a monstruosidade que se cobra aqui”, diz o economista, que também é professor titular de pós-graduação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). São cerca de cerca de 61,7 milhões de pessoas com o crédito “negativado” na praça, que ficaram inadimplentes e caíram no cadastro de devedores. Segundo Dowbor, se alargado esse número para as famílias, chega-se praticamente à metade da população brasileira sem capacidade de consumo. Mas as taxas cobradas pelos bancos não interferem apenas no consumo das famílias. Dowbor

LOCALIDADE ALAGOAS

VENDA AVULSA DIAS ÚTES R$ 2,00

OUTROS ESTADOS R$ 3,00

LOCALIDADE ALAGOAS

ASSINATURAS SEMESTRAL R$ 300,00

OUTROS ESTADOS R$ 500,00

DOMINGO R$ 4,00 R$ 5,00

cita relatos de empresários que afirmam gastar mais com juros de empréstimos bancários do que com a própria folha de pagamento dos funcionários das empresas. “Não há economia que possa funcionar assim. Nem o empresário pode desenvolver a atividade produtiva, porque está ganhando muito pouco, nem o consumidor consegue expandir a sua demanda, porque estão enforcados. Se a gente soma a dívida das famílias e a dívida das empresas, basicamente das pequenas e médias – porque as grandes pegam dinheiro via BNDES ou no exterior, a juros internacionais em torno de 5% ao ano –, alcança-se um estoque de dívida de R$ 3,1 trilhões, que pagam juros de maneira tal que se retira quase R$ 1 trilhão da economia, cerca de 16% do PIB.” Em vez de oferecer crédito para a produção e o consumo, esses bancos ainda aplicam as poupanças dos cidadãos em títulos da dívida pública, que têm também altas taxas e retorno garantido. Com isso, as instituições financeiras são ainda remuneradas pelo dinheiro do próprio cidadão, por meio de recursos de impostos utilizados para pagar os juros desses títulos públicos. Perguntado se os bancos estariam, portanto, roubando o conjunto da sociedade, Dowbor diz que o termo técnico para isso é “usura”, também conhecido como “agiotagem”, segundo ele.

PABX: 82.3311.1338 COMERCIAL: 82.3311.1330 - 3311. 1331 REDAÇÃO: 82.3311.1328 - 3311.1329 CENTRAL DE ASSINANTE: 82.3311.1308

ANUAL R$ 600,00

comercial.tribunaindependente@gmail.com redação.tribunaindependente@gmail.com

R$ 1.000,00

OS ARTIGOS ASSINADOS SÃO DE RESPONSABILIDADE DOS SEUS AUTORES, NÃO REPRESENTANDO, NECESSARIAMENTE, A OPINIÃO DESTE JORNAL.


TRIBUNAINDEPENDENTE

BARTOLOMEU DRESCH bartolomeu_dresch@hotmail.com.br

Foi pouco, mas já é alguma coisa Por maioria de 7 votos a 4, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que o foro especial de parlamentares só se aplica aos crimes cometidos durante o mandato e que estejam relacionados ao exercício da função. Venceu a tese defendida pelo ministro Luís Roberto Barroso, acompanhado dos ministros Edson Fachin, Rosa Weber, Luiz Fux, Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e a presidente Carmen Lúcia. Do lado vencido, quatro ministros defenderam que o foro deve valer para todos os tipos de crimes cometidos durante o mandato, estando ou não relacionados com a função. O Congresso Nacional não digeriu a decisão do STF, e o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) mandou reabrir a PEC que acaba com o foro privilegiado também para o Executivo e o Judiciário e para todos os tribunais superiores. É isso que o povo também quer.

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018 POLÍTICA 7

Quase 100 candidatos LGBT disputarão eleições Um deles é Tiffany, a sensação do vôlei brasileiro que quer ser deputada LEO MARTINS

CR investe em Gramado Um dos grandes destinos turísticos do Brasil, a cidade gaúcha de Gramado, vai dispor agora de outro atrativo. O craque do Real Madri e da seleção portuguesa, Cristiano Ronaldo, decidiu investir na cidade e vai abrir em breve um restaurante de comidas típicas de Portugal. O empreendimento, que está em construção deverá abrir suas portas em junho durante a Copa do Mundo. Ronaldo fechou uma parceria com a Gramado Parks e Chocolate Lugano, cujos diretores estiveram em Madri esta semana para acertar detalhes da inauguração e fazer o anúncio do restaurante típico.

CR investe em Gramado 2 Um dos detalhes especiais é que boa parte do cardápio do restaurante é elaborado a partir de receitas originais de Dona Dolores, mãe do craque. A frente do estabelecimento estará a cantora Kátia Aveiro, irmã de Ronaldo e cozinheira, e que publicou um livro de receitas da culinária lusitana, junto com a mãe. O livro Cozinha Portuguesa de Família resgata pratos que eram preparados pela matriarca da Família Aveiro, sem esquecer o prato favorito de Cristiano Ronaldo, o Bacalhau à Brás. Dolores trabalhou muitos anos como cozinheira, profissão que desempenhou para sustentar a família.

Trabalhadores escravizados Duas casas de farinha, localizadas no sítio Massapê, zona rural de Feira Grande foram fechadas e seus trabalhadores apreendidos na última quinta-feira, pela prática de trabalho degradante a que eram submetidos. O Grupo Móvel de Combate ao Trabalho Escravo resgatou 87 trabalhadores, sendo 13 menores entre 11 a 17 anos. Segundo os Auditores do Trabalho, os operários cumpriam jornada de trabalho que chegava a 18 ou 19 horas, não tinham água potável disponível, e o único banheiro existente para as duas casas estava interditado. Essas condições insalubres de trabalho fizeram com que os locais fossem fechados e o proprietário intimado e multado.

Sem Nobel de Literatura A Academia Sueca resolveu não fazer a entrega do Prêmio Nobel de Literatura em 2018, devido a uma crise na instituição que enfrenta denúncias de estupros, de agressões sexuais e violência. Desde novembro do ano passado que as denúncias começaram a aparecer, envolvendo Jean-Claude Arnault, figura influente da cena cultural sueca. Ele foi acusado por 18 mulheres que disseram ter sido assediadas e agredidas sexualmente por Arnault, que também é casado com a poetisa Katarina Frostenson que negou as acusações. As revelações geraram polêmica e discórdia na Academia, sendo que seis dos seus integrantes resolveram renunciar, além da secretária permanente Sara Danius.

Argentina ao lado de Lula A ex-presidente Dilma Rousseff emocionou-se esta semana em Buenos Aires com as várias manifestações de cidadãos argentinos se solidarizando com o ex-presidente Lula, preso há 1 mês na sede da Polícia Federal em Curitiba. Dilma encontrou-se com Cristina Kirchner, que governou a Argentina de 2007 a 2015. Também participou da Feira Internacional do Livro de Buenos Aires onde lançou o livro “Lula: A verdade vencerá”. Dilma afirmou que “Falamos dos ataques a democracia no Brasil e Argentina e da perseguição aos governos populares e lideranças dos nossos países, inclusive da prisão arbitrária do Lula. Seguimos fortes e resistentes” afirmou Dilma.

Argentina ao lado de Lula 2 A ex-presidente e hoje senadora Cristina Kirchner também se manifestou nas redes sociais e criticou o “retrocesso social e econômico que assola brasileiros e argentinos. É muita coincidência para ser por acaso” escreveu ela. Dilma Rousseff também se encontrou com outras lideranças da América Latina, como o ex-presidente colombiano Ernesto Samper (1994-1998) e o escritor e Prêmio Nobel da Paz, Adolfo Perez Esquivel. Na oportunidade Dilma acentuou: “O golpe transformou a lei na maior arma de destruição civil, Destruição da cidadania, dos direitos e das liberdades” criticou. “É um golpe muito particular: o fazem em nome da lei, mas não fazem mais do que violar a lei” disse a ex-presidente. • O projeto Crescer Saudável, criado pelo Ministério da Saúde para controlar e tratar a obesidade infantil, será implantado em 15 municípios alagoanos e será operacionalizado pelas Secretarias Municipais de Saúde. O projeto foi lançado recentemente pela Secretaria de Estado da Saúde. • O objetivo do projeto é garantir o adequado acompanhamento do crescimento e desenvolvimento na infância, com a finalidade de prevenir e controlar a obesidade infantil. • As cidades que receberão o programa são Arapiraca, Atalaia, Campo Alegre, Coruripe, Delmiro Gouveia, Girau do Ponciano, Marechal Deodoro, Palmeira dos Índios, Penedo, Pilar, São José da Tapera, São Miguel dos Campos, São Sebastião, Teotônio Vilela e União dos Palmares. • Estes municípios foram escolhidos porque possuem mais de 30 mil habitantes, apresentarem cobertura do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional e prevalência de excesso de peso maior que 20% em crianças menores de 10 anos. • O projeto prevê a promoção de da alimentação adequada e saudável, além da prática de atividade física, aliada às rotinas de lazer, adequada a faixa-etária e às condições físicas da criança.

Tiffany Abreu usa fama no desporto como passaporte para a política e quer chegar à Câmara pelo MDB

REPRESENTATIVIDADE

Aliança Nacional relaciona 93 nomes que querem espaço no legislativo A jogadora de vôlei, que nos campeonatos português, espanhol, francês, holandês, belga e indonésio ainda participou como Rodrigo, mas em Itália e agora no seu país natal surgiu já com a mudança de sexo realizada como Tiffany, não é caso único. Segundo a Aliança Nacional LGBTI+, perto de cem candidatos a cargos públicos nas eleições de 7 de outubro são assumidamente homossexuais ou aliados. No último levan-

tamento, de março passado (ainda sem Tiffany), constavam 93 nomes: 43 gays, 12 lésbicas, 15 mulheres trans, um homem trans, oito bissexuais masculinos, três bissexuais femininos, quatro travestis e sete incluídos no item “outros”. Entre estes “outros” a Aliança Nacional LGBTI+ incluiu a candidata à presidência da República pelo comunista PCdoB Manuela D’Ávila. “Embora não seja gay, a Manuela entra

como “outros” porque é uma aliada “plus”, alguém muito conectada com as nossas causas”, disse ao jornal O Estado de S. Paulo Toni Reis, presidente da instituição. O PCdoB, de Manuela, com 14 concorrentes, só é superado pelo também esquerdista PSOL, com 19. Três partidos à direita, como PSD, PTC e PTB, têm pelo menos um nome, como agora o MDB, visto como conservador.

T

iffany, craque do campeonato, filiou-se no último dia do prazo ao MDB, de Michel Temer. Nas eleições de outubro, devem concorrer quase uma centena de candidatos LGBT. O Sporting de Espinho venceu, o Vitória de Guimarães ficou em segundo, o Benfica em terceiro e o Leixões em quarto no campeonato de voleibol masculino de 200809. Já o Esmoriz teve participação meio anônima, assim como provavelmente todos os seus jogadores, o atacante/oposto brasileiro Rodrigo Abreu incluído. Sucede que Rodrigo Abreu mudou entretanto de sexo, hoje chama-se Tiffany Abreu e é a maior vedeta da Superliga de Vôlei do Brasil, ao serviço do Bauru. A fama no desporto, como tantas vezes sucedeu no passado no país, foi o passaporte para a política da atleta de 33 anos e 1,92 metros. Escolheu o ideologicamente indefinido MDB, maior partido do Brasil, parceiro de todos os governos desde a redemocratização em 1985 e berço político do atual presidente da República, Michel Temer, e da maioria dos principais decisores do Palácio do Planalto nos últimos dois anos. Tiffany, que acabou de renovar contrato com o Bauru, faz parte dos planos do partido de continuar a ser o principal representado nas câmaras alta e baixa, Senado, Câmara dos Deputados. Com o veto às doações empresariais de campanha, Tiffany terá só cerca de quatro milhões de reais [um milhão de euros aproximadamente] do fundo público partidário para gerir nos tempos de antena até outubro e tentar eleger-se deputada federal por São Paulo.

NACIONAIS

Dois estão em comissões executivas

O Rede Sustentabilidade, de Marina Silva, e o socialista PSB, no entanto, destacam-se por serem os únicos com transexuais nas suas comissões executivas nacionais. Além da candidatura ao Palácio do Planalto já referida, são contabilizados pela organização LGBT dois candidatos a governador de estado, cinco candidatos ao Senado, 30 candidatos à Camara dos Deputados, a que se deve acrescentar Tiffany, e 55 às diferentes câmaras estaduais. A representatividade da comunidade de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais é pífia no Brasil. Há um deputado federal assumidamente homossexual (Jean Wyllys, eleito pelo PSOL do RJ), um punhado de parlamentares assumidamente parte da comunidade sexodiversa e alguns vereadores espalhados pelo país. Nas últimas eleições nacionais, os 6.574 votos obtidos pelo ativista e DJ André Pomba (PV) ajudaram a eleger Roberto de Lucena, deputado conhecido por suas posições contrárias aos direitos dos LGBT. Os 8.441 votos dados na ativista transexual Bruna Lorrane (SDD) foram para a conta do deputado Wladimir Costa, caricato político paraense que já deu inúmeras declarações homofóbicas.


8 PUBLICIDADE MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE


MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

Cidades

CIDADES

9

HGE e Samu realizam ação do Maio Amarelo em Maceió neste domingo O Hospital Geral do Estado (HGE), em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), realiza neste domingo (6), na rua fechada da orla da Ponta Verde, um evento de prevenção aos acidentes de trânsito. A ação, que será realizada em alusão à Campanha Maio Amarelo – que alerta sobre os perigos no trânsito – vai acontecer a partir das 8h e irá disponibilizar serviços como aferição de pressão, testes de glicemia e de HIV, além de orientações sobre prevenção a traumas graves. De acordo com o médico cirurgião Amauri Clemente, o evento visa atrair a atenção da sociedade para a gravidade dos traumas decorrentes de acidentes no trânsito. Isso porque, nos anos de 2016 e 2017 somados o HGE atendeu 17.224 pessoas com algum tipo de trauma relacionado a acidentes de trânsito.

Som de vitrola

é motivo de alegria para arapiraquense CORTESIA / SANDRO FERREIRA

Ainda em funcionamento, equipamento do século passado mantém viva paixão de antiga moradora do município do Agreste DAVI SALSA SUCURSAL ARAPIRACA

A

antiga vitrola Voxophon, fabricada entre os anos de 1910 e 1920, está com a manivela quebrada, mas a dona de casa Maria José Lessa de Souza, que no próximo dia 12 deste mês de maio completará 90 anos de vida, ainda mantém em funcionamento o aparelho para ouvir músicas dos cantores favoritos da sua época de juventude. Moradora da cidade de Arapiraca, a anciã conta que comprou a vitrola, há cerca de 70 anos, em um estabelecimento comercial na cidade de Penedo, conhecido como Paulo da Singer. No formato de móvel neocolonial e movido a corda, o aparelho está bem conservado e figura em local de destaque na residência, localizada no Sítio Lagoa d’Água, na periferia da cidade. Dona Maria Lessa gosta de ouvir músicas ao lado dos filhos e netos, que estão sempre ao lado da matriarca e compartilhando uma das maiores paixões de sua vida. A vitrola funciona com uma agulha arranhando a superfície dos discos de acetato de cantores como Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga e Emilinha Borba, entre outros artistas e bandas da época. Mãe de 11 filhos e matriarca de uma família com oito netos, Dona Maria Lessa conta que nasceu no dia 12 de maio de 1928, na comunidade de Barro Preto, na cidade de Traipu. Foi lá que conheceu o

marido, o mecânico José Ernesto de Souza, falecido há 33 anos. Antes, porém, já havia comprado a vitrola e trouxe o aparelho com a mudança para a cidade de Arapiraca há mais de 50 anos. “Naquela época, a gente tinha pouca diversão e ouvir música era um dos passatempos favoritos”, lembra Dona Maria Lessa, cuja história de vida fará parte do projeto Raízes de Arapiraca, um documentário audiovisual, lançado no mês passado, e que mostra os depoimentos de antigos moradores da cidade. A anciã também guarda com muito carinho os antigos discos de acetato dos cantores e bandas que fizeram sucesso entre as décadas de 1950 e 1960 no Brasil, a exemplo de Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga e Emilinha Borba, entre outros. Toda coleção é colocada dentro de um almanaque com capas duras do disco Moda da Mula Preta, de Luiz Gonzaga, lançado pela gravadora RCA Victor, no ano de 1948. Por conta do manuseio diário, boa parte dos discos de acetato foi danificada e apresenta arranhões que tornaram inaudíveis algumas músicas. Mas existem aqueles discos que Dona Maria Lessa tem uma predileção, como é o caso da cantora Emilinha Borba. “Gosto muito de ouvir música. Nunca me sinto sozinha, e geralmente escuto alguns discos na companhia de meus filhos e netos”, relata a antiga moradora de Arapiraca.

Aos 90 anos, Maria José Lessa guarda discos de acetato de cantores famosos como Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Emilinha Borba, entre outros CORTESIA / SANDRO FERREIRA

Gosto muito de ouvir música. Nunca me sinto sozinha, e geralmente escuto alguns discos na companhia de meus filhos e netos” DONA MARIA LESSA 90 ANOS

Moradora de Arapiraca Vitrola de Dona Maria Lessa foi adquirida há 70 anos em um estabelecimento comercial em Penedo


10

CIDADES

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

MPT Alagoas resgata 87 trabalhadores Em casas de farinha no interior do Estado, no Agreste, eles atuavam em condições análogas a de escravidão ASCOM MINISTÉRIO DO TRABALHO

Força-tarefa realizada na manhã da sexta-feira resgatou 87 trabalhadores que atuavam na produção de farinha no Agreste de Alagoas

DO QUE HÁ 10 ANOS

Brasileiros trabalham mais hoje em dia Há uma sensação de aumento de trabalho para 63% dos entrevistados Pesquisa inédita do Instituto Locomotiva revela que entre os brasileiros que trabalham com carteira assinada, 63% afirmam que estão trabalhando mais do que trabalhavam 10 anos atrás. Em paralelo à sensação de aumento de trabalho nos últimos anos, apenas 1/3 dos trabalhadores afirma estar muito satisfeito com o seu emprego de forma geral. A insatisfação faz com que mais da metade dos

trabalhadores (56%) queira mudar de emprego, e 25% afirmam que estão tomando atitudes para isso. “O brasileiro é um povo trabalhador, arregaça as mangas e corre atrás de cuidar de si próprio e de sua família. Para isso, trabalha em dois empregos, faz bicos para complementar renda e até se aventura menos em arriscar uma mudança de emprego em momentos de instabilidade”, diz Renato Meirelles, presidente do Instituto Locomotiva.

Diante disso, 35% dos empregados acreditam que ficarão no máximo um ano em suas atuais empresas; e 33% esperam ficar entre dois e quatro anos no máximo. “Com a perspectiva de melhora no quadro econômico, mesmo que a médio e longo prazos, ele agora enxerga o momento de poder planejar e até pensar em uma nova colocação que traga condições de trabalho mais favoráveis, salários mais altos e claro perspec-

tivas de um futuro melhor”, completa Meirelles. A pesquisa mostra também que, na hora de buscar um outro emprego, 6 em cada 10 entrevistados consideram importante avaliar outros quesitos além do salário na hora de escolher uma vaga. O levantamento realizou 1.019 entrevistas, com brasileiros com 18 anos ou mais, que trabalham com carteira assinada, nas cinco regiões do país. A pesquisa foi feita entre 31 de outubro e 7 de novembro de 2017.

O

Ministério Público do Trabalho (MPT) instaurou inquérito civil, na sexta-feira, 4, para responsabilizar as distribuidoras do ramo alimentício em Alagoas que comercializam a farinha de mandioca produzida sob situação de trabalho análogo à escravidão. Durante força-tarefa realizada pela manhã no município de Feira Grande, o Ministério do Trabalho, MPT, Polícia Rodoviária Federal e Defensoria Pública da União resgataram 87 trabalhadores submetidos a condições degradantes em casas de farinha. O procurador do MPT Rodrigo Alencar, que participa da operação, informou que as empresas já foram identificadas e afirmou que elas são responsáveis por contribuir com uma cadeia produtiva que escraviza trabalhadores. “Por trás da farinha de mandioca que chega à mesa do consumidor, trabalhadores estão sendo submetidos a condições subumanas, sem água, expostos a risco iminente de acidentes, enquanto empresas lucram com o trabalho análogo à escravidão. Nosso objetivo é buscar o pagamento dos direitos dos trabalhadores, responsabilizar o empregador e quem contribui para essa cadeia degradante”, disse Alencar. Os proprietários das empresas do ramo alimen-

tício foram notificados a comparecer a audiências, na Procuradoria do Trabalho no Município de Arapiraca, a partir da próxima terça-feira, 8 de maio. O Ministério Público do Trabalho deve buscar um acordo para coibir a conduta ilegal e, em caso de resistência, deve acionar a justiça para buscar a reparação dos danos. RESGATE DE TRABALHADORES Durante a fiscalização realizada nas casas de farinha em Feira Grande, os trabalhadores resgatados cumpriam jornada de trabalho excessiva, não tinham água potável disponível – trabalhadores ficavam sem água por horas – e também não tinham acesso a banheiros, já que o único disponível estava interditado. A farinha de mandioca também era produzida sob condição de trabalho infantil – 13 adolescentes com idade entre 11 e 17 anos foram flagrados trabalhando. As informações foram repassadas pelo coordenador da operação, o auditor fiscal do Trabalho André Wagner. Dentre as irregularidades, as máquinas utilizadas na fabricação da farinha de mandioca também ofereciam risco iminente de acidentes no local. Após o resgate, as casas de farinha foram fechadas. Este é o maior resgate de trabalhadores desde 2012.


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

PUBLICIDADE 11


12

CIDADES

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

Sistema socioeducativo: 8 meses sem fugas Segundo Governo do Estado, resultado é fruto do fortalecimento das ações pedagógicas, de cultura, lazer, esporte e de segurança

C

AÍLTON VILLANOVA ailton.villanova@gmail.com COM DIEGO VILLANOVA

Um deles conseguiu!

N

um vôo internacional, de repente descobriram-se, lado a lado, um rabino e um bispo católico. Viagem longa, os dois começaram a conversar animadamente. A certa altura, o rabino perguntou ao

bispo: - Qual é o primeiro estágio da vossa carreira, prezado amigo? E o prelado: - Bem, nós começamos como seminaristas, depois passamos a noviços e em seguida nos ordenamos padres. - E depois? - Bem, depois, com um pouco de trabalho, podemos ser vigários paroquiais. - Sei. E daí pra frente? - Bem... passamos a cônegos, depois monsenhores e alguns de nós, com muito estudo e dedicação, chegamos a bispos. - E depois de bispos, há alguma possibilidade de algum cargo mais alto? - Sim, sim. Depois de bispos podemos evoluir para os cargos de cardeais. É muito difícil, mas podemos atingir aos postos de cardeais. - E Papa? O prezado amigo pode chegar a ser papa? E o bispo, cheio de humildade: - Eu diria que é praticamente impossível. Primeiro, porque, tradicionalmente, há muitos e muitos anos só se elegem papas europeus, preferencialmente italianos. O atual pode ser considerado uma exceção. Além disso, eu precisaria ser um verdadeiro sábio, quase um santo... - Bom, mas é possível, não é? - Possível seria. Mas as chances são, pode-se dizer, completamente nulas. - E você poderia chegar a Jesus Cristo? - Ah, meu nobre, isso é totalmente impossível! - É mesmo? - Claro. Impossível! - Bom - completou o rabino - um dos nossos rapazes conseguiu.

Esclarecimento oportuno

Numa conferência mundial de personalidades ilustres, doutor Joaquim Manuel já não mais aguentava ver o professor inglês Sir Walther Lantz contar tanta prosa a respeito das grandes invenções invenções de seus compatriotas. “Sir fulano inventou isso”; “Lord sicrano inventou aquilo”... Até que o inglês mencionou o limpador de parabrisas. - Alto lá! - protestou o português - O limpadoire de parabrisas quem inventou foi um português chamado Manuel Joaquim! E antes que o inglês pudesse dizer qualquer coisa, Manuel Joaquim completou: - O inglês apenas aperfeiçoou a invenção do patrício, botando o limpadoire pro lado de fora do vidro!

O “negócio” era bem diferente

Na delegacia de polícia, seu Marinaldo Batista, homem bastante simples, prestava depoimento perante o delegado, a respeito de um crime que presenciara: - E então, doutor, sem dar conta da minha presença, o tarado agarrou a mocinha à força e, abrindo a braguilha de sua calça, puxou pra fora o... como vou dizer... tirou o... - Tirou pra fora o órgão - intervém o delegado, em seu auxílio. - Olha, doutor, parecia mais uma flauta, viu?

Corcunda, mas perfeito!

Missa dominical, igreja superlotada, fiéis bastante contritos. Do púlpito, padre Odulpho, empolgadíssimo, deitava falação versada em capítulos e versículos bíblicos. Em dado momento, ele enfatizou: - E então, meus filhos, tudo que Deus faz é perfeito! Do meio da platéia, levantou-se o corcunda chamado Candido, e indagou, com ar de reprovação: - Ah, é? E eu? Padre Odulpho não perdeu o rebolado: - Você? Ora, meu caro, você é o corcunda mais perfeito que eu já ví!

Palitos deliciosos

Indivíduo bastante humilde, mas trabalhador pacas, Sebastião Virgulino, peão de obras da construtora do conspícuo Edjasme Godói, foi honrado com o convite para o jantar de aniversário do patrão, na mansão deste. Maior grafinagem, e ele lá, com medo de dar algum fora, só de olho nos demais convidados. O negócio era observar como eles se comportavam, para fazer o mesmo - o jeito de comer, de beber, essas coisas. Aí, ele bateu o olho num cara que dava a entender estar muito à vontade. O cara palitava os dentes com discrição. Mais tarde, o anfitrião vem cumprimentá-lo: - E aí, Sebastião? Está sendo bem servido? E ele, cheio de bajulação: - Olha, patrão, eu nunca comi tão bem. Só daqueles palitinhos que as pessoas comem escondido, tapando a boca com a mão, eu já comi bem uns quarenta!

Nenhuma mosca come muito!

Bar do Duda, matriz do centro da cidade. A freguesia na maior mastigação e o garçom Tonho Arapiraca driblando mesas e cadeiras, equlibrando na palma da mão, uma bandeja cheia de comida. De repente, ele ouve o chamado: - Ô garçom! Arapiraca se virou para o local de onde partira a voz e viu um baixinho de braço levantado: - Um momento, doutor. Chego já aí! Mas o freguês, chato pra burro, insistiu, na base do grito: - Olha, rapaz! Tem uma mosca na miha sopa! Descontraído e muito gozador, o garçom respondeu: - Se preocupe não, doutor. Mosca não come muito!

om 13 Unidades de Internação e 238 socioeducandos, o Sistema Socioeducativo de Alagoas está há oito meses sem registrar nenhuma fuga. De acordo com o Governo do Estado, este resultado é fruto do trabalho de gestão, aprimorado pela Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) que vem priorizando ações pedagógicas, de cultura, lazer, esporte e de segurança. Estas mudanças implantadas pela Seprev são facilmente observadas pela evolução histórica recente. Em 2014, o sistema socioeducativo alagoano foi considerado um dos piores do Brasil, tendo suas unidades intituladas de masmorras pelo então presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa. De lá para cá, as medidas socioeducativas em Alagoas foram reestruturadas e passaram a ter um olhar mais humanizado e de educação. “Priorizamos, sob orientação do governador Renan Filho,

ASCOM SEPREV

Socioeducandos têm atividades pedagógicas nas unidades de internação e participam de eventos externos

os aspectos pedagógicos com a finalidade de proporcionar uma educação para estes adolescentes, que por algum motivo se envolveram com fatores de violência. A missão é transformá-lo e recolocá-lo na sociedade com um

novo pensamento e um novo futuro”, enfatizou a titular da Seprev, Esvalda Bittencourt. Nas unidades de internação são aplicadas atividades pedagógicas como aulas de português, matemática, espanhol, educação física, ar-

tes. Além disso, os adolescentes participam de diversos eventos externos como visitas a museus, parques, e aprendem diversas profissões para que possam ser inseridos no mercado de trabalho ao final da medida.

CAPACIDADE

Número de vagas sobe de 192 para 351 238 estão preenchidas por adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas Além das mudanças na forma de aplicação das medidas, com promoção da educação, cultura, lazer e cidadania, o Governo de Alagoas promoveu, nos últimos anos, diversas renovações na infraestrutura, dando mais condições para os adolescentes e servidores, o que possibilitou a evolução do sistema para um dos melhores do país. No início da gestão do governador Renan Filho,

as unidades atendiam 192 adolescentes, embora sua capacidade fosse para 115. Atualmente, após a entrega de novas unidades, em 2016, o Sistema Socioeducativo de Alagoas dispõe de 351 vagas, das quais apenas 238 estão preenchidas. Este é um fato histórico no estado e que coloca Alagoas como uma das poucas federações do Brasil com uma estrutura adequada para atender os adolescen-

tes em cumprimento de medidas socioeducativas. Sem falar que o Estado saiu de um cenário de superlotação que assombrava a população e a mídia local e nacional. Foi uma evolução de mais de 100% na quantidade de vagas em pouco mais de um ano de gestão. De acordo com a superintendente de Medidas Socioeducativas da Seprev,

Denise Paranhos, todas estas mudanças resultaram no baixo índice de motins e fugas. “Exatamente por conta destas melhorias e do trabalho pedagógico conseguimos zerar, nos últimos oito meses, o número de adolescentes em fuga nas nossas unidades. É fruto do trabalho conjunto de educação e segurança”, garantiu.


MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

CIDADES

13

Apenas 134 pediram desconto do SNE em AL Número foi registrado em mais de um ano; abatimento nas multas é opção para motorista que não quer apresentar defesa ou recurso LUCAS FRANÇA REPÓRTER

C

om mais de um ano que o Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL), aderiu ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), que dá direito a 40% de desconto em multas de trânsito, apenas 134 condutores solicitaram o desconto em suas multas. O aplicativo foi desenvolvido pela empresa de tecnologia da informação do Governo Federal, a Serpro, para o Denatran com objetivo de facilitar o pagamento e oferecer 40% de desconto para motoristas e empresas nas multas de trânsito. Quem desejar ter o desconto deve fazer download do app do SNE gratuitamente através da Play Store para Android e App

Store para sistemas iOS. O desconto serve para todo tipo de multa. Mas cada órgão fiscalizador deve realizar a sua adesão. No estado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), que fiscalizam as rodovias federais, já aderiram ao sistema. O Detran/AL já utiliza a ferramenta para facilitar os pagamentos dos condutores desde do dia 3 de fevereiro de 2017. Para ter direito ao desconto, o interessado deve estar cadastrado no sistema por meio do aplicativo ou do site do SNE (https:// sne.denatran.serpro.gov. br). Após acessar o sistema é preciso criar uma conta informando CPF, e-mail, senha, número da CNH [Carteira Nacional de Ha-

bilitação] e código de segurança. Além disso, é necessário que o condutor inclua os dados do veículo, indicando placa e código Renavam. O órgão ressalta ainda que para ter acesso ao desconto o cidadão deve pagar a multa antes do prazo de vencimento e não entrar com recurso, reconhecendo que cometeu a infração. Apresentando recurso, o abatimento cai de 40% para 20% até o dia do vencimento. Após a data limite, é cobrado o valor integral. ‘’Reforçando que o desconto só valerá para as multas que forem geradas após o usuário fazer o cadastro no aplicativo’’, ressalta. Vale ressaltar que quem tem direito ao desconto não tem redução na perda de pontos na carteira porque são situações distintas.

SECOM MACEIÓ

Para ter o desconto de 40% no valor da multa, o condutor precisa estar cadastrado no Sistema de Notificação Eletrônica

BRASIL

Outros estados já utilizam o Sistema de Notificação Eletrônica Do período de novembro de 2016 a maio de 2017, o número de downloads já contabilizou 595.459 mil em todo o país. Além de Alagoas, também já aderiram ao SNE os estados do Ceará, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, todos os órgãos autuadores de Santa Catarina, a Polícia Rodoviária Federal, o Dnit, 57 Prefeituras

em todo país e DER/AC, DER/DF também aderiram ao sistema. Os Detrans do Acre, Goiás, Roraima e Paraíba já estão homologados, aguardando a aprovação de contrato com a Serpro. Os Detrans do Distrito Federal e de São Paulo estão em homologação e os do Rio de Janeiro e Paraná estão adequando seus sis-

temas. Até o momento, são esses os estados onde é possível fazer o pagamento com desconto no valor das multas estaduais, federais e interestaduais (em outros estados que adotaram o SNE), cometidas em rodovias federais, estaduais e vias urbanas. Isso porque as multas estaduais emitidas pelos órgãos au-

tuadores desses estados já migraram para o sistema de Registro Nacional de Infrações de Trânsito (Renainf). LEI Conforme disposto no art. 284 da Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, que institui o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), caso infrator opte pelo sistema de notifica-

ção eletrônica, e opte por não apresentar defesa prévia nem recurso, reconhecendo o cometimento da infração, poderá efetuar o pagamento da multa por 60% do seu valor, em qualquer fase do processo até o vencimento da multa. De acordo com o Serpro, o abatimento é previsto na Lei 13.281 que

altera o CTB. No país, no período do dia 1 de novembro de 2016 a 14 de maio de 2017 o número de downloads do aplicativo totalizou 595.459 mil. As pessoas que se cadastram no SNE, seja pelo aplicativo ou site, deixam de receber as multas em papel e passam a ser notificados eletronicamente. (L.F.)


14

CIDADES

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

População recebe Eixo Quartel neste sábado Com 10 quilômetros de extensão, obra chega como mais um caminho de circulação de veículos entre os bairros do Farol e Gruta

CidadesemFoco ROBERTO BAIA robertobaiabarros@hotmail.com

Veto do governador

O

governador Renan Filho (MDB) vetou, parcialmente, o projeto de lei que dispõe sobre a remuneração dos membros do Ministério Público de Contas do Estado de Alagoas. Um dos artigos vetados vincula a carreira dos integrantes do MP de Contas com os procuradores de Justiça do Ministério Público Estadual e com a dos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado.

Mantidos mais de R$ 30 mil

De quatro artigos, três foram vetados, sendo mantido o que fixa o subsídio dos integrantes do MP de Contas, que atingirá a bagatela de R$ 30.471,11. Um dos vetos é o projeto oriundo do próprio Ministério Público de Contas, o artigo 3º, que confere aos integrantes as vantagens, subsídios, gratificações e verbas indenizatórias percebidas pelos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. Como verba indenizatória tem-se o auxílio-moradia, no valor de R$ 4.300,00, e o auxílio saúde.

Água em Cacimbinhas

Mais de 500 pessoas que residem na comunidade Alto do Cemitério, em e Cacimbinhas, no Sertão do Estado, estão sendo beneficiadas diretamente com acesso à água própria ao consumo. Nesta quinta-feira, 03, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos entregou um sistema de dessalinização à população. Mais de 50 sistemas foram entregues no Agreste e Sertão, numa parceria com o Ministério do Meio Ambiente.

Mulheres Mil

A Prefeitura de Palmeira dos Índios e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo informam que foi publicado o edital do Processo Seletivo Simplificado para professores do Programa ‘Mulheres Mil’. O município tem conseguido resultados exitosos com o programa federal, profissionalizando centenas de mulheres palmeirenses. O programa mantém uma parceria com o Instituto Federal de Alagoas (Ifal) e a Prefeitura aderiu ao Programa, prestando todo suporte. O Edital está disponível através desse link: http://sispronatec.ifal.edu.br/selecao/files/edital/157/1524910411.pdf .

Aumento para a Educação

A Prefeitura de Arapiraca concedeu um reajuste salarial na ordem de 6,81% aos servidores da Educação neste ano de 2018. Baseado na Lei nº 3.285/2018, o aumento passou a ter efeito desde o dia 1º de abril, beneficiando 3.562 servidores, sendo 2.458 ativos e 1.104 aposentados/pensionistas que, no último dia 1º de maio receberam os salários com o reajuste já implantado em seus contracheques.

Campo Alegre em festa

Para comemorar os 58 anos de emancipação política de Campo Alegre prefeita Pauline Pereira preparou mais uma grande festa, com inaugurações de obras, desfile cívico e a Corrida da Chama da Integração, além da Missa em ação de graças e shows musicais.

Grande programação

Este ano, serão realizados shows em duas datas: 08 de Junho no centro da cidade e dia 09 de Junho no Distrito Luziápolis, com as seguintes atrações: Dia 08 de Junho – Deivinho Novais, Aduílio mendes e Garota Sertaneja – Pátio da Folia na cidade. Dia 09 – Psirico e PV Mello – Praça de eventos do distrito Luziápolis. A organização já montou um grande esquema de segurança para garantir a segurança dos participantes dos festejos.

Taturanas nas eleições

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Og Fernandes, indeferiu o pedido de tutela de urgência do Ministério Público Estadual, que recorreu da decisão do TJ-AL, que permite os deputados federais Paulão, Cícero Almeida e Arthur Lira, além do conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Cícero Amélio, possam disputar as eleições deste ano.

Presos em 20007

De acordo com a decisão do ministro, o deferimento do pedido feito pelo MPE não cabia para o momento e manteve a decisão do desembargador Celyrio Adamastor. Os parlamentares foram presos durante Operação Taturana, deflagrada pela Polícia Federal em 2007. O objetivo foi desmontar uma organização criminosa instalada na Assembleia Legislativa, acusada de fraudes no Imposto de Renda de até R$ 200 milhões em cinco anos.

N

ão são poucas as vezes que para transitar entre a parte alta e baixa da cidade, o motorista acaba preso em longos congestionamentos na Avenida Fernandes Lima. Desde que foi criada há quase 60 anos, a via nunca contou com qualquer alternativa de tráfego até hoje. Neste sábado (5), o governador Renan Filho e o secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, entregam uma das obras de mobilidade mais aguardas pelos maceioenses: o Eixo Viário Deputado Oscar Fontes Lima, que passa por trás do Quartel do Exército. O eixo chegará como mais um caminho de circulação de veículos entre os bairros Farol e Gruta. A ideia é trazer mais fluidez ao longo do percurso, que começa na rua Marieta Lages, na entrada da Super Pizza, e segue até a rua Abelardo Pontes Lima, que passa pelos fundos da Algás, próximo ao Walmart – antigo supermercado Hiper Bompreço. Para compor os 10 quilômetros de via, foi preciso conectar ruas já existentes e readaptá-las ao novo trajeto. Como parte da execução da obra, foram realizados serviços de recapeamento em 31 ruas e ainda a implantação de três novas vias: uma por trás do Quartel – denominada por decreto Avenida Marechal Hermes Ernesto da Fonseca, a segunda em um espaço desapropriado que corta o Hospital do Açúcar e por fim um trecho entre a rua Marieta Lages e antiga rua Goiás. Toda operacionalização do percurso ficará sob responsabilidade da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), que orientará os motoristas e pedestres sobre o trajeto. CONVIVÊNCIA Como parte integrante do eixo viário, foi ainda desenvolvida uma área de convivência arborizada, o Parque Linear Dona Rosa da Fonseca, de aproximadamente 600 metros que conta com equipamentos urbanos, iluminação pública e estacionamento.

AGÊNCIA ALAGOAS

Obra é uma das mais aguardadas pelos maceioenses que sofrem há anos com intenso fluxo de veículos da Fernandes Lima

MACEIÓ

Flagrantes de cinquentinhas irregulares circulando são constantes SMTT alerta que veículo pode ser recolhido ao pátio do órgão O prazo estipulado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) para a adequação de ciclomotores à resolução 582/2016 terminou no dia 23 de março. Mesmo assim, agentes da Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) vêm constantemente detectando ciclomotores, que não cumpriram com as normas estabelecidas, circulando em vias públicas. Com o fim do prazo para adequação, os condutores que agora transitarem pelas vias da cidade sem o devido registro e emplacamento terão seu veículo removido ao depósito da SMTT e permanecerá lá até que os proprietários cumpram com as atitudes legais necessárias. . “Muitas pessoas, infelizmente, não atenderam ao disposto na resolução federal do Contran 555/2015, nem em relação ao prazo da 582/2016. Por isso a SMTT, como órgão fiscalizador, deve cumprir com a lei e impedir aqueles que estão em

situação irregular de circular”, disse o assessor técnico de Trânsito, Wanderson Freitas. RESOLUÇÃO A Resolução 582/2016 do Contran trouxe alterações em relação ao prazo estabelecido pela resolução 555/2015, dando um aumento de dois anos para os proprietários declarem que a “cinquentinha” é de seu domínio. É necessário que os condutores compareçam ao Detran para obter as informações necessárias para realizarem o emplacamento de seu veículo. PARA RETIRAR Em caso de ciclomotor removido, os proprietários devem comparecer ao Detran para realizar o pagamento de vistoria externa para, posteriormente, serem geradas taxas de licenciamento, IPVA e seguro obrigatório. Em seguida é gerado o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) do ciclomotor e a

autorização para confecção do lacre da tarjeta e da placa. Com essa autorização, o proprietário deverá confeccionar esses itens em uma loja de placas e pagar o deslocamento do lacrador até a SMTT para instalar no veículo e, assim, começar o processo de liberação. Após cumprir com o procedimento necessário, o dono do ciclomotor deve dirigir-se ao setor de Divisão de Controle de Veículos (Dicov) da SMTT portando o CRLV do ciclomotor, seus documentos pessoais, ou uma procuração (caso seja um procurador), para o pagamento do Documento de Arrecadação Municipal (DAM) – taxas referentes ao recolhimento do veículo. Sendo o valor de R$ 80 pelo guincho, R$ 50 pelo depósito, mais R$ 9,50 pela diária. Depois de 24 horas, quando o pagamento do DAM for compensado, o veículo será liberado e poderá ser retirado do órgão.


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

CIDADES

15

Automedicação custa R$ 60 bi ao SUS

Além dos prejuízos ao País, prática pode gerar intoxicação, alergias e mascaramento de doenças e até causar morte CARLA CLETO / AGÊNCIA ALAGOAS

LUCAS FRANÇA REPÓRTER

S

A cada real investido no fornecimento de medicamentos, governo gasta cinco reais para tratar adversidades pelo uso incorreto de remédios

AUTOMEDICAÇÃO

Hábito é muito comum, segundo relatos

Pessoas costumam ir à farmácia comprar medicação que imaginam servir

A estudante Rayane Oliveira tem o hábito de se automedicar e já sofreu as consequências por isso. “Geralmente vou à farmácia e eu mesmo compro algum remédio para alergia sem prescrição médica ou orientação. Mas, uma vez tomei o Tylenol [(Paracetamol) é um analgésico e anti-térmico para uso adulto e pediátrico, serve para aliviar dores leves e febre baixa. As principais indicações do medicamento são para dores associadas a resfriados comuns ou sintomas de alergias, mas também pode

ser utilizado em ocasiões que fogem do que a bula recomenda, e acabei ficando com os olhos avermelhados e ardendo. Tinha alergia ao medicamento”, comenta. De acordo com Rayane, sempre que estava com dor de cabeça comprava remédios e tomava. “Costumo ler a bula para ver para que a medicação serve. Avalio as contraindicação e acabado tomando”, confessa. A dona de casa Mayara almeida também confessa a prática e acrescenta ainda que procura o diagnóstico pela Internet. “Eu costumo

tomar remédios sem prescrição. E ainda faço pior. Procuro o diagnóstico no Google”, conta. EFEITOS Sybelle diz que na automedicação também são ampliadas as chances de uma reação alérgica, que foi o que aconteceu com a estudante. “Ao prescrever uma droga, o médico leva em consideração o seu histórico clínico, e esse cuidado atende ao propósito de resguardar o paciente sobre esse risco”, explica. Além disso, a farmacêutica ressalta outro fator importante que está rela-

cionado ao armazenamento do medicamento em casa. “Uma vez que excessos de calor e umidade podem alterar sua composição química. Outro problema também é o risco de crianças ingerirem as substâncias e sofrerem intoxicação. O importante é que todos sigam a orientação médica à risca. A dosagem e os horários para a administração dos remédios devem seguidos de forma rigorosa e ninguém deve tomar qualquer remédio sem a prescrição de um profissional habilitado”, orienta. (L.F.)

eja por conta própria ou por indicação, o simples ato de tomar remédios sem recomendação médica pode ser mais prejudicial à saúde do que se imagina. Os perigos da automedicação vão além do agravamento da doença, porque o uso inadequado de medicamentos pode gerar reações adversas, inclusive levar a morte. Neste sábado (5), é o Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos e especialistas alertam para os perigos da automedicação. Além de grave, a prática custa R$ 60 bilhões ao ano para o Sistema Único de Saúde (SUS). A cada real investido no fornecimento de medicamentos, o governo gasta cinco reais para tratar as adversidades causadas pelo uso incorreto dos medicamentos, entre eles estão às reações adversas que são responsáveis por 39,3% dos gastos, seguido pela não adesão ao tratamento com 36,9% e pelo uso de doses incorretas 16,9% dos gastos. Em Alagoas a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), informa não dispor de dados computados dos gastos, uma vez que, mesmo sendo uma prá-

tica recorrente, as pessoas que se automedicam não torna público essa prática. Mas, a assessora de Assistência Farmacêutica da Sesau, Sybelle Lima, faz um alerta sobre os perigos da automedicação para a saúde. “A automedicação é perigosa, pois o leigo pode tomar o remédio inadequado para seu estado de saúde. Uma atitude que não vai oferecer o efeito desejado, além de expor o paciente a efeitos colaterais diversos”, comenta. Sybelle Lima explica que medicamentos como analgésicos podem mascarar doenças. “Ao reprimir os sintomas, o paciente pode acreditar que resolveu o problema, quando na verdade pode estar provocando um agravamento do quadro”, destaca. Outro fator de risco é observado no uso de antibióticos sem orientação adequada. “A dosagem, o tempo e o tipo de antibiótico devem ser corretos para que o organismo não desenvolva uma resistência ao remédio. Isso porque, quando isso acontece, encarece e dificulta o tratamento, além de deixar os organismos nocivos mais resistentes à medicação”, ressalta a farmacêutica.


16

CIDADES

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

Campanha alerta sobre importância de acompanhamento

ASCOM CRF/AL

CRF afirma que metade dos problemas poderiam ser evitados com supervisão mais cuidadosa e efetiva dos tratamentos LUCAS FRANÇA REPÓRTER

A

presidente do Conselho Regional de Farmácia de Alagoas (CRF/AL), Mônica Meira, alerta que metade dos casos poderia ser evitada com uma supervisão mais cuidadosa e efetiva dos tratamentos. Por isso, o Conselho Federal de Farmácia em parceria com o CRF/AL, lançou a campanha de promoção da adesão às terapias medicamentosas e ao seu uso seguro e racional. A iniciativa é em comemoração ao Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos. “O nosso objetivo é despertar na população a consciência de que o acompanhamento farmacêutico no

tratamento consegue prevenir danos para a saúde do paciente. Durante todo o mês de maio, os voluntários engajados na iniciativa buscarão serviços públicos de saúde, como as UBSs e as farmácias públicas, para verificar se pacientes polimedicados têm acesso e aderem ao tratamento medicamentoso ou não”, explicou. Nesta sábado (5), o CRF/ AL estará no centro de Maceió, em frente ao antigo Produban, das 8h às 12h, realizando uma ação de orientação à população sobre como utilizar os seus medicamentos e oferecendo também os serviços de aferição de pressão e teste de glicemia capilar. Tudo gratuito.

Segundo o Ministério da Saúde, 82% dos pacientes que utilizavam cinco ou mais medicamentos de uso contínuo o faziam de forma incorreta ou demonstravam baixa adesão ao tratamento. Um em cada três pacientes abandonou algum tratamento, 54% omitiram doses, 33% usaram medicamentos em horários errados, 21% adicionaram doses não prescritas e 13% não iniciaram algum tratamento prescrito. “Com a campanha na rua, a gente espera contribuir de forma mais efetiva para a reversão dessas estatísticas. Em paralelo estamos trabalhando para inserir o cuidado farmacêutico na rotina das unidades básicas de saúde”, comenta Mônica.

Mônica Meira diz que acompanhamento farmacêutico no tratamento consegue prevenir danos à saúde do paciente

PESQUISA

Brasil é recordista mundial em automedicação, segundo ICTQ O Brasil é recordista mundial em automedicação. Segundo uma pesquisa do Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ), divulgada em 2016,

72% dos brasileiros se medicam por conta própria. Além do uso inadequado, muitos têm o hábito de aumentar as dosagens para obter alívio mais acelerado.

Outro dado relevante mostra que 40% da população faz o autodiagnóstico por meio da internet. A edição anterior da mesma pesquisa, feita em

2014, apontou que quanto maior o grau de escolaridade, maior é a prática da automedicação pelos brasileiros. Uma das alternativas para auxiliar no

combate ao uso indevido de medicamentos seria promover a venda fracionada. Isso favoreceria o acesso aos remédios, aumentaria as chances de adesão ao

tratamento e, ainda mais importante, evitaria o desperdício. Atualmente tal proposta está em análise no senado, por meio do projeto de lei nº 98/2017. (L.F.)


MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

CIDADES

17

4 mil vítimas de trânsito em 4 meses

HE do Agreste registra grande quantidade de atendimentos a pessoas que se envolveram em acidentes em rodovias DIVULGAÇÃO

DAVI SALSA SUCURSAL ARAPIRACA

U

m levantamento feito pelo Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca, revela que das 16.607 pessoas atendidas no primeiro quadrimestre deste ano, 4.007 foram vítimas de acidentes de trânsito. Os dados foram divulgados na sexta-feira (4), pelo Setor de Estatística da unidade hospitalar, que é referência no atendimento a politraumatizados para o Agreste, Sertão e Baixo São Francisco. Desse total, 3.633 são pacientes que foram atendidos no HE do Agreste por conta de traumas ou ferimentos pro-

vocados nas quedas e colisões de motos. Conforme os dados divulgados, os acidentes com esses veículos representam 90% do total de ocorrências no trânsito. No ano passado, o hospital contabilizou 47.454 atendimentos, sendo 13.441 de acidentes com veículos e 11.768 de vítimas de quedas e colisões de motos. O Hospital de Emergência do Agreste é vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) e atende pacientes oriundos de mais de 50 municípios alagoanos, além dos estados de Pernambuco, Sergipe e Bahia. A unidade hospitalar é a principal porta de entrada para atendimento em casos de traumas

MARCELO

de alta e média complexidade no interior de Alagoas. Ainda de acordo com o levantamento feito no hospital, a maioria das vítimas é de jovens do sexo masculino com idade entre 20 e 29 anos. A ausência do uso de capacete e o consumo de bebidas alcoólicas estão presentes na maior parte dos atendimentos no hospital. CONSTATAÇÃO Internado há 23 dias, por conta de uma queda de moto, o agricultor Niraldo Luiz dos Santos, 44 anos, é mais um a entrar nas estatísticas dos acidentes no trânsito na região. Residente na cidade de Traipu, ele fraturou o pé esquerdo, já passou por duas cirurgias e

continua em recuperação no hospital. “Estou recebendo muitos cuidados aqui, mas não vejo a hora de receber alta médica e retornar para casa”, confidenciou o paciente. MAIO AMARELO Para conscientizar cada vez mais a população, principalmente os condutores de veículos, a Secretaria de Estado de Saúde (Sesau) está mobilizando a sociedade em mais uma Campanha Maio Amarelo. As ações irão ocorrer na capital e no interior para conscientizar os motoristas e pedestres sobre a importância de respeitar as leis de trânsito e os cuidados para evitar acidentes.

HE do Agreste é referência no atendimento a politraumatizados


18

CIDADES

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

Praça Dois Leões recebe arborização Mais de 50 mudas foram plantadas pelas empresas Oikos Acabamentos e Kubo Flores, parceiras do Projeto Todos Pela Cidade

A

Praça Dois Leões, localizada no bairro de Jaraguá, está recebendo intervenções da Prefeitura de Maceió. O trabalho teve início na última sexta-feira (04) e está sendo executado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Semds) em parceria com o Projeto Todos Pela Cidade. “Aqui na Praça Dois Leões nós estamos realizando serviço de jardinagem com o plantio de mudas, pintura dos bancos, pintura do meio-fio, melhoria na iluminação e limpeza do espaço. Nossa ideia é devolver esse espaço de

convivência mais bonito e arborizado”, afirmou o titular da Semds, Gustavo Acioli Torres. Durante a ação, o secretário chamou atenção para os cuidados com os espaços públicos de Maceió. “Quando a gente entrega uma praça ou recuperamos espaços de lazer e convívio social, estamos deixando algo para a cidade, que é de todos. A ideia é que a população se apodere daquilo que é dela e que ajude a tomar conta do que foi feito junto com a Prefeitura”, acrescentou Torres. Ao todo, mais de 50 mudas foram plantadas

pelas empresas Oikos Acabamentos e Kubo Flores, parceiras do Projeto Todos Pela cidade. Evelyne Cruz, proprietária da Oikos Acabamentos, disse que intenção é deixar a cidade cada vez mais verde. “Nosso objetivo é participar cada vez mais no processo de arborização do bairro de Jaraguá, onde a nossa empresa está locada. Há sete anos estamos neste bairro histórico da nossa cidade, que é um lugar que a gente tem muito carinho”, afirmou. Além do plantio de mudas, as empresas participantes devem manter os serviços de paisagismo e jardinagem.

ASSESSORIA

Plantio de flores na Praça Dois Leões foi idealizado pela prefeitura como forma de proteger o meio ambiente


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

CIDADES

19

Defensoria quer evitar danos por explosões

Ação civil pública cobra de pedreira medidas para evitar rachaduras e outros prejuízos em imóveis de Murici

A

Defensoria Pública do Estado ingressou com ação civil pública solicitando que a empresa Torres e Camilo Serviços de Construção adote, no prazo de 10 dias, medidas para evitar novos danos materiais, rachaduras ou prejuízos de quaisquer proporções nos imóveis dos populares de Murici. Segundo denúncias da população, as detonações de explosivos na pedreira da empresa, situada na Fazenda Cansanção, zona rural do município, têm gerado prejuízos estruturais em residências e assustado moradores da região. A ação requer, ainda, que a empresa preste as informações a respeito do procedimento de detonação dos explosivos, com as devidas permissões e auto-

rizações, indicação de quantidade de explosivos, disposição e profundidade dos furos, tipos de explosivos e acessórios, sequência de detonações, volume desmontado e tempo mínimo de retorno após detonação, bem como publique e divulgue amplamente os horários de acionamento das explosões amplamente os horários de acionamento das explosões. De acordo com o defensor público em atuação no município, Isaac Costa Souto, há algumas semanas, muricienses denunciaram os problemas à Defensoria Pública e entregaram um abaixo assinado solicitando o auxílio da instituição. Segundo o grupo, casas nas ruas Floriano Peixoto, Gastão Tenório, Dr. Cesar Sobrinho,

Coronel Antônio Machado, do Comércio, Av. Presidente Vargas, entre outras, foram prejudicadas, danificadas, e apresentaram rachaduras, trincas e até risco de desmoronamento devido às detonações. Diante da situação, a Defensoria inicialmente oficiou a pedreira solicitando informações e providências, porém, esta respondeu que possui todas as licenças e autorizações necessárias para o desenvolvimento da atividade de extração mineral no município. Ainda segundo o defensor, a população procurou, também, a Câmara de Vereadores e o Instituto do Meio Ambiente (IMA), denunciando a situação, no entanto, as tentativas de acordo tiveram resultados igualmente frustrados.

Para o defensor, ao dar continuidade às explosões sem levar em consideração os problemas gerados por elas, a empresa fere os direitos básicos de propriedade e posse dos cidadãos de Murici. “Em razão dos atos praticados (explosões/implosões) pelo estabelecimento demandado, muitos moradores de Murici tiveram seus imóveis danificados, abalados estruturalmente e com prejuízos enormes, logo, devem ser reparados pelos danos materiais sofridos, ante o nexo de causalidade demonstrado entre a conduta e o dano, sejam pelas perdas emergentes ou pelos lucros cessantes, estes últimos em razão desvalorização dos respectivos imóveis, entre outros motivos”, argumenta.

ASCOM DEFENSORIA

Detonações têm provocado danos em residências do município


20

CIDADES

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

Inscrições para Enem iniciam segunda

Prazo vai até o dia 18 e o pagamento da taxa, no valor de R$ 82, se estende até 23 de maio, informa Ministério da Educação

O

s estudantes interessados em fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 poderão se inscrever a partir da próxima segunda-feira, 7 de maio. O prazo vai até o dia 18 e o pagamento da taxa, no valor de R$ 82, se estende até 23 de maio. As provas serão realizadas em 4 e 11 de novembro, dois domingos, assim como em 2017. O período para solicitar a isenção da taxa de inscrição e de justificar ausência da edição passada terminou no último dia 15 de abril. Ao todo, 3.818.663 brasileiros solicitaram o direito de não pagar a taxa de inscrição. Destes, 208.588 foram participantes isentos em 2017, que falta-

ram aos dois dias de aplicação e precisavam justificar a ausência para ter direito a nova isenção. Entretanto, apenas 8.486 apresentaram a documentação exigida e 200.102 declararam não possuir documentos que justificassem a ausência no exame. Todos os interessados em prestar o exame, isentos ou não, deverão fazer a inscrição entre 7 e 18 de maio. Ou seja, a aprovação da solicitação de isenção não significa que a inscrição está realizada automaticamente. Portanto, para quem se enquadra nos critérios de isenção serão necessárias essas duas etapas. NOVIDADE A principal novidade do

Enem 2018 é relacionada ao segundo dia de provas, que passará a ter mais 30 minutos de duração para as disciplinas ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias. Agora, os estudantes terão cinco horas para responder às questões. REDAÇÃO A nota da redação, entre zero e mil pontos, respeitará os critérios dispostos no Portal do Inep e na Cartilha do Participante – Redação no Enem 2018, que será publicada posteriormente com detalhamento das cinco competências avaliadas. A correção respeitará a decisão oficializada pela presidente do Supremo Tribunal Fede-

ral, ministra Carmem Lúcia, em novembro de 2017, para garantir tranquilidade aos participantes. APLICATIVO Todas as informações sobre o Enem estão disponíveis no portal do Inep, na página do Enem 2018 e no aplicativo Enem 2018, disponível na App Store e na Google Play. As redes sociais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e do MEC, outros canais oficiais de comunicação com os participantes, também têm informações e respondem a dúvidas. O Fale Conosco do MEC/Inep atende pelo 0800 616161 e em sua versão on -line.

DIVULGAÇÃO

Todas informações sobre o Enem estão disponíveis no portal do Inep


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Economia

ECONOMIA

21

Praias de Alagoas estampam capa de revista argentina O mercado internacional segue encantado com as belezas alagoanas. Prova disso é que as belas praias alagoanas estamparam a capa da revista argentina “La Agencia de Viajes”, na edição do mês de abril. A publicação, com uma tiragem de mais de 30 mil exemplares, é distribuída em todas as agências de viagens argentinas e feiras do segmento. No artigo intitulado “El paraíso de las aguas”, os jornalistas argentinos contam em três páginas todos os detalhes dos produtos turísticos alagoanos, classificando o Estado como um lugar perfeito para quem busca praias de águas tranquilas, transparentes, repletas de piscinas naturais e peixes coloridos.

DIVULGAÇÃO

Rio Santo Antônio, encravado numa região que até os anos 50 era uma floresta tropical de densa cobertura vegetal, tem complexo fluvial que é formado pelo Rio Santo Antônio Grande, Camaragibe, Tatuamunha e Manguaba

Litoral Norte possui rios com potencial turístico

Alagoas é chamada de Paraíso das Águas também por dispor destas belezas

CLAUDIO BULGARELLI SUCURSAL LITORAL NORTE

P

ara fazer jus ao apelido de Paraíso das Águas, o Estado de Alagoas tem belas praias: Ponta Verde, Gunga, Coruripe, Carro Quebrado, Toque e Patacho, além de magníficas lagoas: Mundaú, Manguaba e Jequiá. Isso todo mundo sabe. Entretanto, para conhecimento dos alagoanos e dos que a visitam, Alagoas é chamada de Paraíso das Águas também porque tem rios de beleza fascinante. No instigante mapa histórico da colonização, já vimos que, com justiça, os primeiros colonizadores incluíam no mapa de Alagoas as praias, as lagoas e os rios. E o Litoral Norte concentra cinco dos mais importantes rios do Estado, todos com potencial para o desenvolvi-

mento turístico: Santo Antônio, Camaragibe, Tatuamunha, Manguaba e Maragogi. Começamos nossa viagem pelo Rio Santo Antônio, que encravado numa região que até os anos 50 era uma floresta tropical de densa cobertura vegetal, o complexo fluvial é formado pelo Rio Santo Antônio Grande, Camaragibe, Tatuamunha e Manguaba. O Santo Antônio Grande, que é responsável por fazer surgir uma ilha (da Croa) que na verdade é um istmo, faz parte do complexo fluvial que deu origem à cidade de Santo Antônio dos Quatro Rios (atual Porto Calvo). De importância estratégica durante as batalhas de colonização em Alagoas, o Rio Santo Antônio já foi abundante na produção de bagre, camurim, curimã, carapeba e bastante caranguejo.

A destruição de mangues e florestas e o despejo sistemático de tiborna, além da falta de saneamento das casas ao longo de suas margens, sobretudo na zona urbana, transformaram esse rico ambiente, tornando-o um pouco pobre. Atualmente, bastante atingido pelo processo de ocupação das terras para o plantio de cana-de-açúcar e de coco, o rio ainda tem seus encantos e conserva um volume de água suficiente para permitir a navegação. A principal atração do Rio Santo Antônio são suas ilhas, que homenageiam os pássaros, mesmo que eles não estejam mais por lá em abundância, como há alguns anos. Às margens vão despontando alguns manguezais, com árvores

esbeltas, que atingem grandes alturas. No percurso, entre a sede da cidade, no porto das balsas, até a velha casa de farinha, surgem as ilhas, cobertas de vegetação, muitas flores nativas e algumas variedades de pássaros. Foi pelos muitos pássaros, que certamente habitavam a região no passado, é que todas as ilhas do rio são batizadas com o nome de um deles: Ilha do Maçarico, Ilha do Gavião, Ilha das Garças, do Bem-te-Vi, Ilha do Cocó e tantas outras, que encantam visitantes e turistas, apesar de não existir um serviço regular de visitação. Para conhecer essas ilhas e a antiga casa de farinha, rio acima, é possível contratar canoas ou jangadas de pescadores ou jangadeiros que ficam nas proximidades do antigo porto das balsas.

ALAGOAS

Camaragibe está entre os 10 mais importantes O Rio Camaragibe, que nasce nas proximidades de União dos Palmares, passa por Joaquim Gomes, Matriz de Camaragibe e Passo de Camaragibe, antes de desaguar na Praia da Barra de Camaragibe, sendo o primeiro rio da Rota Ecológica, é outro importante do Norte de Alagoas e de grande beleza, com muitos quilômetros de navegação por manguezais, áreas de cana de açúcar e mata nativa. Também não oferece nenhum serviço regular de visitação e para visitar seu interior, pescadores fazem esse tipo de viagem partindo da foz do rio, na Praia da Barra. Em 2010 o rio entrou no noticiário porque a Secretaria Municipal de

Agricultura tomou uma importante iniciativa com um projeto ambicioso de plantação de árvores as margens do Camaragibe. O projeto pretendia ter toda a margem do rio coberta de árvores, para preservar a mata ciliar, que são sistemas vegetais essenciais ao equilíbrio ambiental e, portanto, devem representar uma preocupação central para o desenvolvimento rural sustentável. As primeiras mudas foram plantadas e o processo que deveria durar vários anos parou com a mudança da gestão municipal. Inicialmente o projeto ia cobrir toda a área que vai da ponte Fernandes Lima, onde termina á área urbana do Passo, até bem próximo da BR 101. (C.B.)


22

ECONOMIA

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Paçoca, goiabada e leite de coco de Alagoas no Canadá

DIVULGAÇÃO

Alimentos se destacam em feira de exportação

A

limentos produzidos em Alagoas, como o óleo de coco, paçoca e a pimenta rosa, estiveram em exposição até sexta-feira (4) no Salão Internacional de Alimentação e Bebidas (SIAL), que acontece em Montreal, no Canadá. O evento é considerado uma das principais entradas para os mercados norte-americano e internacional. Integrando a programação do evento, a originalidade e o sabor dos produtos alagoanos foram exaltados em jantares promovidos para representantes da Câmara de Comércio Brasil-Canadá e investidores. Itens da empresa Popular Alimentos, como a paçoca e a goiabada, o leite de coco da Copra Alimentos e o açaí estavam entre os ingredientes utilizados nos menus do chef de cozinha de Toronto, Doug Penfold. Vale ressaltar que ambas empresas participantes da SIAL são incentivadas por meio do Programa de Desenvolvimento Integrado (Prodesin), que oferece a re-

dução de 92% no pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na saída dos produtos industrializados, dependendo da quantidade de empregos gerados. De acordo com a avaliação de um dos sócios da empresa, responsável pelo contato dos produtos com o mercado internacional, a SBB Traiding, Murilo Cesar Schlempe, a participação na Feira vem sendo extremamente positiva. “Em sua quase totalidade os consumidores e empresários se deparam com total surpresa por nunca terem experimentado esses alimentos, então esse contato é bastante essencial para que o mercado canadense e de outros países conheçam o que temos para oferecer”, pontua Murilo. Outra iguaria levada para SIAL é a pimenta rosa, especiaria produzida às margens do São Francisco, em Piaçabuçu. SABOR DA TERRA A participação de produtores e empresas locais em

feiras de exportação integram ações voltadas para as rodadas de negócios, promovidas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), que buscam aproximar os vendedores dos possíveis compradores. Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, a oportunidade é compreendida como uma forma de captar novos mercados. “Queremos mostrar a qualidade e a nossa diversidade de sabores, e assim desenvolver ainda mais a economia local, promovendo a cultura exportadora entre os produtores e empresários”, avalia Rafael. Além disso, a participação em feiras integra o Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE) do Governo Federal, que, em Alagoas, é formado pela Sedetur, Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea), Sebrae, Senac, Banco do Nordeste, Banco do Brasil e Correios.

Alimentos de Alagoas integraram menu de jantar para investidores no Salão Internacional de Alimentação e Bebidas

CONTRIBUIÇÃO SINDICAL

Mudanças são inconstitucionais, diz MPT As mudanças na contribuição sindical promovidas pela reforma trabalhista (Lei nº 13.467/17) são inconstitucionais. É o que diz nota técnica divulgada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). O documento aponta que alterações como o fim da obrigatoriedade da contribuição dependem de lei complementar por ser recurso de natureza tributária. Além disso, a ins-

tituição defende que a autorização para desconto em folha da contribuição sindical deve ser definida em assembleia com participação de toda a categoria. De acordo com a nota técnica da Coordenadoria Nacional de Defesa da Liberdade Sindical (Conalis) do MPT, a contribuição sindical abrange trabalhadores e empregadores pertencentes a determi-

nada categoria e, portanto, deve ser considerada contribuição compulsória. Baseado no entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), que reconhece o caráter tributário da contribuição, o MPT afirma que as mudanças violam o princípio da unicidade sindical e enfraquecem financeiramente as entidades sindicais. Segundo o coordenador nacional da Conalis, João Hi-

lário Valentim, a nota técnica retrata a decisão da maioria do colegiado da coordenadoria que, em reunião nacional se debruçou sobre o tema, o debateu e aprovou. “É fruto de trabalho coletivo. A nota trata somente da contribuição sindical e se limita a analisar os aspectos jurídicos da modificação legislativa, ou seja, é uma análise essencialmente técnica”, acrescentou o

procurador. Além dos pontos considerados inconstitucionais, o documento afirma ainda que a autorização prévia e expressa para desconto em folha de pagamento deve ser definida em assembleia com participação de trabalhadores filiados e não-filiados à entidade, pois cabe ao sindicato realizar negociação coletiva de condições de trabalho em nome de toda

a categoria. “A Lei nº 13.467/17 neste tópico está, portanto, desestabilizando as relações sindicais, com graves prejuízos à defesa coletiva dos interesses dos representados. Seu texto gera incerteza e insegurança jurídica ao passo que pretende suprimir os paradigmas de proteção sobre os quais se fundam a Constituição e o Direito do Trabalho”, registra a nota.


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

ESPORTES 23

Maracanã lotado para Fla e Inter

Líder do Brasileirão, time rubro-negro terá grande apoio do torcedor, que já garantiu mais de 45 mil ingressos

ACRÉSCIMOS

EDMILSON TEIXEIRA etjornalista@gmail.com

Coisa da China

E

speculações dão conta de que o Chongqing Dangdai Lifan, milionário time chinês, quer desembolsar 81 milhões de euros, a fim de ter em seu elenco por três temporadas, o meia Iniesta, do Barcelona. Por sinal, o atleta já confirmou que vai deixar a equipe espanhola no fim desta temporada, depois de 22 anos no clube da Catalunha. Segundo o jornal El Mundo, o clube chinês pretende transformar Iniesta no quarto jogador mais bem pago do mundo. Simplesmente o valor de 81 milhões é equivalente a R$ 345 milhões.

Do gramado para o palco “Dos 13 aos 15 anos, eu fui meio-campista do time juvenil do CSA e achavam que eu tinha algum talento. Mas aos 16 anos, me apaixonei pela música, que acabou sendo o vilão da minha carreira”, disse o cantor alagoano Djavan ao portal “Tribuna do Sertão”, no ano passado.

Ousadia Em pleno festejo do Dia do Trabalhador, na última terça, um torcedor do Grêmio foi condenado por assédio sexual antes do início da partida do time gaúcho contra o Cerro Porteño, pela Libertadores. É que o cara teria passado a mão nas bunda de uma “gata” torcedora que trajava um shortinho entre a galera presente na Arena do Grêmio. Resultado: acabou enquadrado como importunação ofensiva ao pudor.

Castigo O torcedor tido como tarado foi levado imediatamente para o Juizado do Torcedor e Grandes Eventos. Na sentença, o juiz Marco Aurélio Martins Xavier determinou que ele terá de se apresentar a uma delegacia de Passo Fundo/RS durante os próximos 12 jogos do Grêmio.

Prestígio Essa semana, segundo divulgou a revista Exame, o Flamengo não é só o time com mais torcedores no Brasil, mas também o que mais faturou dinheiro no país no ano passado. Essa é a conclusão de um levantamento realizado pela empresa Sports Value, com os 20 maiores clubes brasileiros.

Pacote A pesquisa revelou que, no ano passado, o time carioca apresentou uma receita de R$ 648 milhões, seguido pelo Palmeiras (R$ 503 milhões), São Paulo (R$ 408 milhões) e Corinthians (R$ 391 milhões). A análise mostrou, ainda, que juntos, os 20 times geraram R$ 5,05 bilhões no ano passado, frente aos R$ 4,85 bilhões de 2016. Foi a primeira vez que os clubes ultrapassam a marca de R$ 5 bilhões em receitas.

O cacete comeu! O árbitro etíope Eyassu Gente, levou um cacete da gota serena na última segunda-feira, apitando um jogo na Etiópia. Foram cenas lamentáveis no futebol. É que no jogo entre Mekelakeya e Wolwalo ele teria validado um gol num lance duvidoso, oportunidade em que o placar estava em 1 x 1. O jogo estava empatado em 1 a 1, quando o Mekelakeya, que jogava em casa, marcou o segundo gol da equipe.

Lance É que depois do gol, todo mundo ficou na dúvida se a bola tinha ou não passado da linha, mas o árbitro Eyassu Gente validou o lance. Na mesma hora, os atletas do Wolwalo foram com tudo para cima do juiz e o agrediram com socos e pontapés. Isso foi apenas o início de uma pancadaria generalizada dentro de campo. O Mekelakeya venceu o jogo por 2 a 1.

Prego De acordo com o estudo realizado pela Sports Value, empresa de marketing esportivo, o Botafogo/RJ é a instituição com maior divida entre os 20 grandes clubes do Brasil. Os cariocas devem R$ 719,5 milhões, sem contar as dívidas fiscais, que chegam R$ 325,7 milhões.

Sequência O time da Estrela Solitária é seguido pelo Internacional, que deve R$ 700,5 milhões. O Fluminense ocupa a terceira posição, com uma dívida de R$ 560,7. O Atlético-MG é o quarto e deve cerca de R$ 538,1 milhões. Em 2017, as dívidas dos 20 clubes brasileiros aumentaram em 2% e chegaram ao valor de R$ 6,76 bilhões.

Dívidas fiscais Os 20 maiores clubes brasileiros devem R$ 2,5 bilhões para a Receita Federal. Este valor é 4% maior que em 2016. Atualmente, as dívidas fiscais representam 37% do endividamento total dos times.

Quase impossível! Nosso matemático e historiador do futebol Walter Luiz, afirma que são remotas as possibilidades do CSA terminar a rodada deste final de semana, fora do G-4. Segundo ele, seria preciso além de Vila e Paysandu não serem derrotados; uma goleada do Atlético-GO contra o CRB por 6x0 ou do Coritiba sobre o Oeste em Barueri por 7x0.

Focando o passado! Poucos sabem, mas o comandante do quinto título mundial da Seleção Brasileira. Luiz Filipe começou a carreira como treinador no CSA. A oportunidade surgiu em 1982, quando tinha acabado de se aposentar como jogador com o título do Campeonato Alagoano - único troféu que obteve como atleta profissional - e recebeu o convite para treinar os ex-companheiros.

Fracasso Pois em 1982, Felipão substituiu Walmir Louruz, seu último comandante como jogador. Contudo, sua passagem foi curta, com apenas uma vitória, quatro empates e duas derrotas em sete partidas. A história rende brincadeiras até hoje para o treinador, que costuma dizer que só foi demitido duas vezes no futebol: uma pelo Chelsea, em 2009, e a outra no CSA, no início da carreira de treinador.

D

epois de bater o Ceará por 3x0, o Flamengo parece ter feito as pazes com sua torcida. O Rubro-Negro que visitou e venceu a Ponte Preta no duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, terá uma sequência de dois jogos seguidos em casa, no Maracanã: contra o Internacional, neste domingo às 16h, e contra o Emelec, na quarta-feira (16). E o que chama a atenção é a intensa movimentação dos torcedores rubro-negros na busca por ingressos para as partidas. Um balanço de vendas para o jogo contra o Colorado aponta mais de 45 mil comprados. Uma das novidades para este jogo deve ser o atacante Paolo Guerrero, que está temporariamente livre da suspensão. Ainda é cedo para qualquer confirmação, mas Odair Hellmann começa a emitir sinais de que priorizará a cautela em detrimen-

to da volúpia no Maracanã. Ou seja, ao invés de investir na ofensividade de Lucca, deve optar pelo poder de marcação de Gabriel Dias para substituir o lesionado Edenilson na partida contra o Flamengo, neste domingo. A preferência pelo volante veio à tona no treino com a participação dos titulares. Na primeira e maior parte do trabalho, Gabriel Dias esteve no meio-campo. Depois, na parte final, Lucca também foi testado. Além de ser o líder do Brasileirão, após três rodadas, o Flamengo tem o melhor ataque, com sete gols. “Começamos bem o Campeonato Brasileiro. Fizemos bons jogos, apesar dos resultados ainda não serem os melhores. Sabemos que o Flamengo é um adversário difícil, como foi o Palmeiras, mas conseguimos fazer um bom jogo em São Paulo. Temos que repetir isso”, afirmou Victor Cuesta.

ASCOM FLA

Paulo Guerrero pode ser a grande novidade do jogo deste domingo

SÃO JANUÁRIO

Abalado, Vasco tenta reabilitação em casa Time encara o América-MG com chances de encostar nos líderres do Brasileirão O meio campista do Vasco da Gama, Wagner, se recuperou de uma forte virose que o tirou do jogo contra o Cruzeiro. Segundo o técnico Zé Ricardo, o jogador ficou debilitado e perdeu aproximadamente três quilos, ficando sem condições de entrar em campo pela Libertadores. Para este sábado a informação do Departamento médico é que o meia está livre e disponível para o compromisso contra o América-MG, em São Januário, às 19h, pelo Campeonato Brasileiro. Mesmo muito pressionado na Colina, o garoto Evander de apenas 19 anos segue com prestígio internamente. A comissão técnica de Zé Ricardo acredita que esteja no nível do elenco e não pretende se desfazer da promessa, revelada na base. Tanto que, no mês passado, recusaram envolver o atleta com o São Paulo em negociação por Diego Souza. INVASÃO O clima ficou tenso no treino do Vasco da sexta-feira, em São Januário. Cerca de 40

membros de uma torcida organizada invadiram o clube para protestar contra o elenco. O Vasco ainda não se pronunciou oficialmente sobre a invasão. Dentro de campo para o treinamento, os jogadores, alvos do protesto, conversaram com os torcedores. O elenco argumentou que o time conseguiu vaga na Libertadores mesmo com os salários atrasados. Algumas imagens da confusão estiveram circulando nas redes sociais. O relato do clube é de que o treino foi realizado normalmente em campo e os invasores foram retirados pela segurança após acessarem o gramado da Colina. SÁBADO 19h Vasco x América-MG 19h São Paulo x Atlético-MG DOMINGO 11h Corinthians x Ceará 16h Cruzeiro x Botafogo 16h Atlético-PR x Palmeiras 16h Vitória x Fluminense 16h Flamengo x Internacional 19h Sport x Bahia 19h Grêmio x Santos SEGUNDA 20h Chapecoense x Paraná

FOI EMBORA

Neymar finaliza tratamento em Paris

Neymar está em Paris. Chegou na sexta-feira. Ainda não há confirmação sobre a programação nos próximos dias. O técnico Unai Emery afirmou não saber se o camisa 10 acompanharia o elenco para o confronto contra o Amiens. A imprensa francesa, por sua vez, diz que o jogador deve marcar presença no Stade de France, na próxima terça-feira, para acompanhar de perto a final da Copa da França, entre o PSG e o modesto Les Herbiers. Ele também apareceria no evento de gala da Fundação PSG e em uma pequena festividade organizada pelo clube para antes do duelo contra o Rennes - o último da temporada no Parque dos Príncipes, no dia 12 de maio. Neymar estava no Brasil desde o dia 1º de março, tendo sido submetido a uma cirurgia para correção de fratura, em Belo Horizonte, dois dias depois. Desde então, ficou hospedado em sua mansão em Mangaratiba, na Costa Verde do Estado

do Rio de Janeiro, onde iniciou o processo de recuperação acompanhado por profissionais e cercado por familiares e amigos. Nas primeiras semanas, o jogador manteve o pé direito imobilizado e só se locomoveu com a ajuda de uma cadeira de rodas, antes de passar a utilizar muletas. Desde o começo desta semana, deixou de lado a proteção na região lesionada, liberado pelos médicos, de acordo com comunicado divulgado pelo Paris SaintGermain. A princípio, Neymar estaria apto a voltar aos gramados neste mês, quando o Paris Saint-Germain realizará quatro partidas: três pelo Campeonato Francês e a final da Copa da França, no dia 8. Não há qualquer confirmação se o atacante entraria em campo em algum destes confrontos. Na seleção brasileira, o próximo compromisso do camisa 10 seria a apresentação antes da Copa do Mundo, em Teresópolis, a partir do dia 21 de maio.


24

ESPORTES

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Esportes

TRIBUNAINDEPENDENTE

Didira exalta bom momento do CSA e fase positiva de artilheiro do time Já são 8 gols marcados na temporada. Fora as participações diretas nos gols. O arapiraquense Didira vive seu melhor momento no CSA e sabe que poderá alcançar vôos maiores. “Sabemos que tudo é construído aos poucos. Estou fazendo meu trabalho com muita alegria e seu que tenho apoio”, disse. Desde a temporada 2016 no Azulão, o camisa 19 celebra a carreira no time do Mutange. O CSA só volta a campo no dia 12 (sábado), às 16h30 para encarar o Boa Esporte no Rei Pelé. “Sabemos da importância de começar bem uma Série B. Vamos jogar em casa, diante do nosso torcedor, pela terceira vez e nosso pensamento é so de vitória”.

CRB viaja para jogar na segunda-feira Galo encara Sampaio Corrêa em São Luís-MA e Júnior Rocha não sabe ainda qual será o time titular para a partida

V

ai ser na correria. Ou como diria o técnico Vanderlei Luxemburgo: “no pijama training”. É desse jeito que o CRB ajusta o time para encarar o Sampaio Corrêa nesta segundafeira (7), às 20h30 no Castelão em São Luís-MA. O time jogou na sexta, faz regenerativo sábado e embarca domingo, às 6h, para chegar na capital do Maranhão apenas no início da tarde. Aí é só descanso. O técnico Júnior Rocha vai trabalhar com números e avaliações físicas para escalar o time titular. Nem ele sabe quem jogará. Devem viajar 20 atletas. A maratona será pesada. Três dias depois, o CRB muda o chip e volta atenções para o primeiro jogo das quartas de final da Copa do Nordeste 2018, contra o Ceará. A partida está marcada para às 21h45 de 10 de maio (quinta), no Rei Pelé. Assim, o elenco regatiano

só terá a merecida pausa após o jogo contra o Avaí, marcado para o dia 15 (terça), no mesmo Rei Pelé, em novo desafio pela Série B. Superada a sexta rodada desta competição, o técnico Júnior Rocha finalmente terá uma semana livre no CT Presidente Marcos Barbosa, na Barra de São Miguel, iniciando a preparação para o jogo da volta contra o Ceará, desta vez no Castelão, em Fortaleza, no dia 23. “Isso é desumano. Eu queria ver se o filho desses dirigentes fosse jogador e tivesse que passar por isso. Um absurdo. Mas temos que cumprir e por isso temos um elenco grande e competitivo. Vamos entrar em campo sempre com os melhores. Quem estiver 100% joga. Não tem cadeira cativa no meu time. Passando essa maratona, vamos estar bem melhores”, justificou o treinador.

ASCOM CRB

CRB não deve fazer treinamentos neste sábado e domingo; a ordem é descansar ao máximo o grupo para jogar contra o Sampaio Corrêa

SÉRIE D

ASA deve ter mudanças para encarar o Central em Arapiraca ASA e Central, respectivamente, ocupam a terceira e quarta colocação do Grupo A7, e no momento estão fora da zona de classificação para a próxima fase. Neste domingo (6) acontece o duelo pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro da Série D. As duas equipe se enfrentam às 16h, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. No comando do técnico Carlos Rabello, os jogadores do ASA realizaram treina-

mentos intensos a semana toda. Para este duelo, ele sinaliza algumas mudanças na equipe considerada titular, em busca de um rendimento melhor do grupo para tentar a primeira vitória na competição. Rabello testou o jogador Audálio fazendo dupla de volantes com Cal. Ainda no meio-campo, sacou Juliano e colocou o experiente Juninho Arcanjo. No ataque, experimentou Peixoto, deixando o atacante Rômulo no

time considerado reserva e Wesley, no lugar do Nona. Oficialmente o Gigante alagoano ainda não está definido, mas o atacante Peixoto garante está preparado para o duelo deste domingo. “Se o professor optar por mim vou dar o meu melhor. Estou me preparando para este momento. Para mim não vai ter bola perdida e temos que entrar com mais vontade. Não podemos ter bola perdida e muito menos perder pontos em casa. Estou pronto”, garantiu o atacante. PROMOÇÃO Para empolgar a torcida, haverá sorteio de dois vales combustíveis no intervalo do jogo para os sócios adimplentes com o time. A parceria com o Grupo Jota Pinto oferece dois vales combustíveis de 20 litros cada um, para o sócio torcedor. O sorteio será válido para todos os sócios adimplentes que estiverem presentes ou não ao jogo.

REI PELÉ

Visitas guiadas unem turismo com o esporte Mesmo quem frequenta o Rei Pelé durante os jogos de CSA e CRB, ainda fica surpreso com o tamanho da maior praça esportiva de Alagoas. Imagine para quem não conhecia. Por isso, a Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude (Selaj) promove a ação “Visitas Guiadas”, que promove para crianças, jovens e adultos, um passeio para conhecer as dependências do “Trapichão”.

Semanalmente, a Superintendência do Estádio Rei Pelé, recebe caravanas de escolas e projetos da capital e do interior, sejam elas públicas ou privadas, bem como projetos sociais. O “tour” pela maior praça esportiva de Alagoas oferece visitas não apenas ao gramado, mas também ao Museu dos Esportes, o Memorial Rainha Marta, a Tribuna de Honra e os

vestiários, além de outros espaços em comum do Estádio. A secretária Claudia Petuba lembra que a ação tem como objetivo aproximar as pessoas do Estádio Rei Pelé. “Quando assumimos a Selaj em 2015, tínhamos como objetivo, torná-la a cada de todas as modalidades, bem como de aproximar as pessoas e não apenas os torcedores em dias de jogos de futebol”, afirmou.


LINDA JUVENTUDE, página de um livro bom

TRIBUNA TRAZ HISTÓRIAS E EXEMPLOS DE JOVENS QUE SUPERARAM DRAMAS, MUDARAM O DESTINO DE SUAS COMUNIDADES E SE TORNARAM EMPREENDEDORES. ESPECIAL

ADAILSON CALHEIROS

TRIBUNA INDEPENDENTE MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018


26

ESPECIAL

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNA

A VI

Ideia na cabeça mudam rotina de ba

COM EQUIPAMENTOS MAIS MODERNOS, MENINOS DO CANAÃ TÊM TORNADO POSSÍVEL MELHORIAS POR MEIO DE CANAL NA INTERNET

Eles também são jovens, como a agora moça Rafa adolescentes, mas já sabem direitinho o que quere história de suas vidas e das pessoas que lhes cerc moram, para melhor. E têm feito isso com uma idei cabeça e uma câmera na mão. Assim tem sido a rotina dos meninos Ronald Lucca Andrew, 15; Arthur Vinicius, 13; e Gabriel Santiago, Canaã, bairro que já foi reduto de boemia e onde e localizava o cabaré mais tradicional de Maceió, do Mossoró. Figuras ilustres eram habitués do local, e jornalistas. O sambista Martinho da Vila gostou tan uma música, em 1981, chamada “Só em Maceió” e ao velho Mossoró. Uma das curiosidades atuais do Canaã é homena com nomes de ruas: e assim é a Rua Coruripe, Ru Rua Porto Calvo, Rua Piaçabuçu, e assim por dian E é neste “mapa” de Alagoas de pouco de mais de os meninos têm feito a diferença. Através de uma c têm feito o trabalho de divulgar a programação cult a comunidade, mostrando os problemas das ruas, auxílio ao poder público para sanar os problemas. e colocado no canal da comunidade no YouTube e


AINDEPENDENTE

IDA EM Rafaela LIVRO MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

27

, a menina que transformou drama pessoal em exemplo de vida

WELLINGTON SANTOS EDIÇÃO E REPORTAGEM

U WILSON BARROS DIAGRAMAÇÃO

m aspirador, um respirador e muita força de vontade de viver levam aos pulmões da jovem Rafaela de Oliveira Barros, 26 anos, o sopro de vida de que ela precisa para

se manter firme. Outros ingredientes, como a alegria e os planos para o futuro, a têm ajudado na luta pela vida. Essa é a história da paciente que viveu quase cinco anos internada na Unidade de Terapia Intensiva pediátrica (UTIped) do Hospital Geral do Estado (HGE) desde que descobriu a Miopatia Congênita de Core, doença degenerativa muscular que a literatura médica classifica como uma enfermidade hereditária e lentamente progressiva que costuma atingir ainda na infância.

FOTOS: ADAILSON CALHEIROS

a, câmera na mão: adolescentes

airro e melhoram vida da comunidade

aela, em verdade, ainda em da vida: mudar a cam no bairro onde ia na

ESPECIAL

Facebook, ou pelo canal “Canaã Web”, com ótima repercussão entre os nativos e o próprio poder público, que tem sanado alguns problemas, como tapar buracos das ruas, por exemplo. “Começamos em 2017 com uma câmera de celular e uma filmadora de isopor. Hoje já temos um material mais profissional e ajudado nossa comunidade”, diz o adolescente Ronald, um dos idealizadores do canal. “Hoje temos mais de 5 mil seguidores na nossa página do Facebook e mais de 800 seguidores no Instagram, com bons resultados para a comunidade”, completa Caio, outro integrante da trupe. E o que têm produzido não tem nada de fake news, termo da moda para expressar notícias falsas. Pelo contrário. Têm melhorado o aspecto físico do bairro ao mostrarem os problemas através do canal. E o projeto da garotada ganhou ainda mais força quando o comerciante José Cícero da Silva, o “Cobra”, aderiu à ideia. Hoje os meninos contam com equipamentos mais profissionais e modernos. “Eles já divulgaram até a peça da Paixão de Cristo no canal e têm dado uma força na nossa cultura por aqui”, diz Cobra. “Com o empreendedorismo destes jovens, o fato é que algumas ruas tiveram melhoramentos depois que eles divulgaram no canal”, completa o comerciante.

O tipo que afetou Rafaela (Miopatia Central de Core) se caracteriza pela presença de lesões localizadas no interior da fibra muscular. A então pequena tinha apenas 11 anos quando foi internada no HGE e os sintomas da miopatia congênita de core já tinham se manifestado. Ela e a família souberam da dura realidade que enfrentariam a partir dali por causa de uma pneumonia que a levou ao hospital. Atualmente Rafaela está em casa, com serviço de home care (atendimento domiciliar) que prevê acompanhamento multiprofissional, financiado pelo Estado. O resultado dos quase cinco anos de luta dentro da UTI: um livro lançado em 2006, contando a própria história e os dias que se seguiram dentro do hospital. O nome da obra é “Vida de UTI – a esperança de uma menina”. “Sei que sou uma lutadora, sei que posso servir como um exemplo na luta pela vida para muita gente, né”, diz a moça, sem perder a candura de menina à reportagem da Tribuna Independente. E adianta: “Já estou trabalhando em um novo livro, viu!”. Em março deste ano, Rafaela viveu uma grande emoção. Na inauguração de seis novos leitos na pediatria do Hospital Geral do Estado, com a presença do secretário de Saúde, Christian Teixeira, ela reeditou seu livro Vida de UTI, lançado em 2006, e foi a grande homenageada, batizando com seu nome o novo setor. “Fui entubada, não conseguia ficar fora do tubo, então fizeram uma traqueostomia e passaram uma sonda para eu me alimentar. Eu odiava aquele tubo na boca. Eu babava, era muito ruim. Eu me lembro que abria os olhos e via umas meninas da enfermagem me dando banho, limpando a minha baba, às vezes tinha um maqueiro que ajudava elas a cuidarem de mim. Com aquele tubo na boca eu não podia falar nada, somente conseguia derramar lágrimas dos meus olhos”, relata,

em trecho do livro que recorda sua chegada à antiga Unidade de Emergência. Rafaela demorou a andar, falar, não conseguia sustentar o pescoço. “Eu cheguei a andar normalmente, mas sentia fraqueza nas pernas. Se eu caísse, por exemplo, não conseguia me levantar, só se fosse com apoio ou com a ajuda de alguém”, conta. Isso a fez viver alguns sufocos na escola. Rafaela começou a se afastar das pessoas. “Não conseguia fazer amizades porque evitava sair da sala, tinha medo que alguém batesse sem querer em mim e eu caísse. Isto me marcou muito!”. Na UTI do HGE, o empenho e dedicação dos profissionais do hospital foram fundamentais para a garota. “Ela tinha treze anos quando a conheci. Só fazia gestuais e tinha uma escrita bem fragilizada, naturalmente por conta da doença, mas era de uma inteligência que impressionava a todos. E nós conseguimos formar ali, com a experiência daquela menina, uma equipe interdisciplinar e com quem mantemos vínculo até hoje “, relata Silvana Tenório Wanderley, psicóloga aposentada que acompanha Rafaela até hoje e uma das organizadoras do livro escrito por Rafaela quando estava internada.

UM ANJO NA VIDA DA LUTADORA

Rafaela e toda família agradecem muito também a uma pessoa a quem chamam de anjo. Tocado pelo exemplo da menina, o advogado Gustavo Uchôa conta como conheceu Rafaela e a ajudou a sair da UTI e a ter um lar. “Só de lembrar já me arrepio todo. Vi na TV e fiquei tocado. Achei surreal uma menina tão frágil e de sorriso cativante viver dentro de uma UTI. Me tocou mais ainda o desejo de ela querer ir para uma casa depois de quase seis anos no hospital”, relembra o advogado. Com conhecimento pertinente à profissão, Uchôa deu início às tratativas e conseguiu por meio de uma ação judicial o serviço de home care para Rafaela, que se mantém até hoje graças aos seus esforços na causa da menina. “Vi que aquela situação era sempre um risco para ela, pois apesar de ter sido muito bem tratada, Rafaela corria sempre o risco de contrair uma infecção hospitalar e todo aquele cuidado ser em vão”, completa Uchôa. “Foi maravilhoso! Muitas coisas mudaram minha vida após a saída do hospital. Hoje consigo fazer várias coisas que tinha vontade, como passear, visitar alguém, ir à igreja, namorar (risos) e estudar. Eu sinto falta das pessoas que conheci no hospital, das lições que trouxe de lá para cá. Aprendi muita coisa com o sofrimento, a dor do próximo. Não admito que ninguém fale mal do HGE, vivi lá e conheço a realidade. Os profissionais se dedicam para assistir seus pacientes”, relata, ao lado da irmã, do irmão e das profissionais de saúde que cuidam dela 24 horas.

RETORNO

Os estudos fazem parte de uma grande vitória na vida de Rafaela. Ela conseguiu o direito ao retorno às aulas através do EJA, um projeto de Educação de Jovens e Adultos do Ministério da Educação. “As condições clínicas dela permitem o Atendimento Pedagógico Domiciliar [APD]. Ir à escola é mais complicado, porque ela requer a utilização de equipamento de suporte à vida - aparelho de ventilação mecânica”, explica Silvana Tenório, que a auxiliou no retorno aos estudos. O home care funciona 24h, com assistência multiprofissional de médico, psicóloga, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo assistente social, enfermeiro e equipe de enfermagem.

a, 15 anos; Caio o, 20. Eles moram no em outros tempos se lendário Benedito entre políticos, artistas, nto do reduto que fez até em homenagem

agear vários municípios ua Traipu, Rua Maragogi, nte. e 7 mil habitantes que câmera, um microfone, tural do bairro e ajudar , como espécie de E tudo isso é registrado e redes sociais como

JOVENS REGISTRAM BURACO

NA RUA PARA COBRAR PODER PÚBLICO

RAFAELA COM LIVRO;, PARTE DA FAMÍLIA E PROFISSIONAIS QUE CUIDAM DELA 24 HORAS POR DIA


28

ESPECIAL

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

TRIBUNAINDEPENDENTE

FOTOS: ARQUIVO PESSOAL

Ninguém me ensinou a fazer, eu mesma aprendi fazendo por minha conta, colocando a mão na massa”

Hoje meus doces são conhecidos em vários lugares do Estado” ERIKA BATISTA VIANA EMPREENDEDORA

ERIKA BATISTA VIANA EMPREENDEDORA

Erika,

Menina com um doce talento ADOLESCENTE DESPERTOU ESPÍRITO EMPREENDEDOR DESDE PEQUENA E HOJE, AOS 15 ANOS, JÁ AJUDA NO ORÇAMENTO FAMILIAR

E

la é outro exemplo de jovem pró-ativa, cujo talento desabrochou ainda na fase pré-adolescente, aos 13 anos, para o empreendedorismo. Hoje com 15, Erika Batista Viana, moradora do bairro do Benedito Bentes, já faz sua própria história vendendo doces que ela mesma produz, aproveitando o boom das redes sociais para faturar seus trocados e ajudar no orçamento familiar. “Comecei a vender doces quando precisava ajudar nas festas da turma do colégio. Ninguém me ensinou a fazer, eu mesmo aprendi fazendo por minha conta, colocando a mão na massa”, diz a garota. E a primeira experiência de vender as guloseimas chegou há dois anos, pela internet. “Hoje meus doces são reconhecidos em vários lugares do Estado; vendo trufas, barcas, doces para festa com listrados, pirulitos recheados e bolo de pote”, destaca a jovem empreendedora. O faturamento com as vendas chegou a render a Erika cerca de R$ 1.800, recentemente. “Principalmente na época da Páscoa, o movimento foi bom”, conta a menina. Em períodos bem menos festivos, a renda com as vendas pode chegar a render entre R$ 600 e R$ 800. “Na Páscoa deste ano foram 51 ovos. Minha maior encomenda até hoje foi quando tive que fazer 300 doces para uma festa”, revela. Jura que não teve inspiração de nenhum famoso para fazer e vender doces pela internet ou por encomenda, embora já tenha sido ela mesma convidada a participar de alguns programas locais de TV. O fato é que assim como Erika, os meninos do Canaã e Rafaela, a vida os ensinou logo cedo a compartilhar o caminho das boas práticas. A sociedade agradece. Evoé, jovens à vista!


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018 DIVERSÃO&ARTE 1

Elza Soares lança música e novo álbum Elza Soares lançou esta semana o single “Deus Há De Ser”, de autoria de Pedro Luís, que faz parte de seu próximo álbum, Deus é Mulher. Deus é Mulher foi produzido por Guilherme Kastrup, com co-produção de Romulo Fróes, Marcelo Cabral (baixo e bass synth), Rodrigo Campos (cavaquinho e guitarra) e Kiko Dinucci (guitarra, sintetizador e sampler). O álbum chega às lojas e nas plataformas digitais no dia 18 de maio.

UMA CHANCE Cine Arte Pajuçara exibe neste sábado, em única sessão, o clássico do cinema nacional Eles Não Usam Black-Tie

P

ara falar de Eles Não Usam Black-Tie (1981), ou sobre qualquer filme que não seja contemporâneo a quem o assiste, é preciso sobretudo falar sobre tempo. Neste caso, não militância, política ou ideologia, mas tempo. Porque diante de toda experiência cinematográfica existirão ao menos três tempos, o da obra em si, e portanto o do contexto em que foi feita; o do espectador enquanto indivíduo, na medida em que o filme se faz diante de seus olhos; o tempo atual a ele, aquele no qual espectador e filme entram em convergência — e suas relações, em graus diferentes, alteram a experiência, fazendo-a oscilar entre os extremos do anacronismo, do

ofuscamento ou da exaltação, por exemplo, é por isso que antes de mais nada deve-se investigar os efeitos dessa entidade incorpórea, porém sempre manifesta, que é o tempo. Não no sentido de se aproximar do que ele representa por si só, enquanto passagem, eterno devir, mas pelo exercício de precisar como a mistura de temporalidades distintas (especialmente a primeira a terceira) incidem nessa disposição de espelhos que as refrações e reflexões provocam. O que se quer dizer não é que nos anos 90 ou 2000 o deslocamento temporal da significância política para o então-presente não tivesse seu peso, ou que o filme em si, como peça incrustada em 81, não tivesse relevância como resultante de uma

criatividade e um intelecto dentro daquele conjunto circunstancial. Mas visto em 2016, e especialmente no Brasil, mas também para quem o vê de fora, defronte toda a turbulência de um estrato social perante um maquinário articulado e opressor, o avanço do filme para o presente-aqui é um movimento que adquire contornos diferentes. Falar dos grevistas, dos fura-greves, das famílias perturbadas pelas alianças e posicionamentos contrários e favoráveis daquele micro-município paulista é discursar também sobre o Brasil que é nós. É perceber a delicadeza e a proximidade dos dois campos de batalha, e como diz a personagem que vive o fervilhar do primeiro posicionamento político consciente: ‘’a gente fica sentado

assistindo novela, a emoção é nas ruas!’’. Mas há aí, também, um elemento excessivo de proximidade entre contexto e objeto. Esse mesmo descolamento temporal de que falamos aqui pode privar certa qualidade de lucidez. Importância pode se tornar importância demais, e só, fazendo com que tudo de positivo se acrescente à ideia da convergência temática entre lá e cá, que esse conjunto de cenas, discursos e posicionamentos pesem mais por essa proximidade de tempos do que pela construção de uma qualidade e constância para a obra ela mesma. Não se tenta medir palavras para dizer que Eles Não Usam Black Tie é um filme ruim, porque não se acredita que ele o seja. É que existe certa explicitação do método, certa tendência a se repetir, como se a didatizar uma ideia, que acaba por empobrecer o conjunto e que o próprio Hirszman parece entender perto do final. É preciso sempre estar lembrando quem é a figura opressora, circular e voltar ao mesmo ponto explicativo de que é preciso se insurgir contra ‘’o patrão’’, e ‘’porra’’ e ‘’filho da puta’’, e ‘’você tá cego, companheiro?’’. De novo e de novo. Há uma linha mais que tênue entre o filme carregado de política e o filme que precisa se atestar como tese. Decerto Tião precisa fazer uma escolha entre diminuir o sofrimento da mulher e da mãe ou por dinheiro (e aí esmagar os parceiros de trabalho e próprio pai) ou por igualdade (um salário justo para todos que o traga dignidade), mas a escolha de Hirszman tem que custo? Foi mesmo preciso aproximar o personagem de uma descrença espectatorial para validar o argumento? Tião como conceito e ideia teria que ser tão pronto, tão idiotizado e mastigado para acionar toda a trama? Pior: uma coisa é uma boa interpretação para um personagem babaca, outra totalmente diferente é uma atuação medíocre para um personagem ainda mais medíocre. É preciso ser bom para ser babaca no cinema – e a indústria dos atores bonitinhos sabe bem disso. É preciso ser bom para ultrapassar um cenho franzido e um polegar unido a um indicador como gesto de indignação. E se Tião não traz demérito vexatório para a obra como um todo é porque há algo de Fuller em Hirszman. Algo de filmar um campo de batalha (familiar, ideológico, pouco eminentemente corpóreo, mas não menos presente, forte) e atingir a passionalidade verborrágica da esposa íntegra e da mãe vulnerável e enlouquecida pelo contexto. Aquele excesso de palavra e alteração de voz não é só perdoável como desejado, figura de um expectante. Curiosamente, quando as mulheres falam, desabrocha (finalmente) a presença ecoante do pavor ao totalitarismo ecoante do pós-ditadura. O evento ainda está ali, impregnado no medo e no frenesi da luta. E eis que se consegue, também, deixar a imagem ‘’falar’’. Quando a mãe recolhe o feijão com uma caneca e para no terceiro movimento porque sabe que aquela quantia é agora suficiente, torna-se presente o signo da ausência. Aquela hesitação é a imagem da falta do filho. Que Fernanda Montenegro chore como mãe amputada é só uma prova de sua monstruosidade de se tornar algo além de si mesma. Importa mais que às imagens tenha sido permitido tomar expressividade.


2 DIVERSÃO&ARTE

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

“Selfie”

Banda Catedral

Com três décadas de dedicação a música, vários hits e mais de 3 milhões e meio de discos vendidos, a Banda Catedral retorna aos palcos para a alegria dos fãs que pediram por isso durante um ano e quatro meses, período em que o grupo parou de se apresentar. Em Maceió, o show será no dia 10 de maio, no Teatro Deodoro, às 20h. Ingressos: De R$ 50 a R$ 120. Casadinha: Ingresso inteira + $10 = 2 ingressos. Vendas: www. acessovipmaceio.com.br/evento/649/catedral-30-anos-e-voce .

Exposição “Ruir’’ Pautado na fotografia artesanal relacionado à memória urbana no intuito de promover o diálogo entre público e o artista, o Sesc Alagoas apresenta a exposição Ruir, da artista e professora Renata Voss, na Galeria do Sesc Centro. A exposição fotográfica reúne uma série de imagens da artista, que retrata a ação do tempo sobre a paisagem urbana da cidade com edificações em situações de riscos. Visitação: De 14 de maio a 15 de junho (segunda a sexta, das 12h às 18h). Visitas agendadas: Ligar para (82) 32011374 (falar com Kelcy, Álvaro ou Letícia). Entrada gratuita.

“Eita, Casei!

C

om todo bom humor que um comediante tem, Whindersson Nunes, o maior youtuber do Brasil, se apresenta com o novo e deslumbrante espetáculo “Eita, Casei! “ no Ginásio do Sesi, em Maceió, no dia 25 de maio, e no Ginásio João Paulo II em Arapiraca, no dia 26. O Rei da internet se casou e agora conta como foi esse processo de casamento, desde a escolha do vestido da esposa, Luísa, até os padrinhos. Além disso, ele fala tudo o que você precisa saber antes de subir ao altar. Ingressos: Arquibancada (Inteira). R$ 63,00. (Meia): R$ 33. Arquibancada Social: R$ 53,00. Setor A (Social) R$ 73,00. Setor A (Inteira) R$ 143,00. (Meia) R$ 73. Setor B (Inteira). R$ 133,00. (Meia): R$ 63,00. Setor B (social): R$ 68,00. Setor C (Inteira) R$ 123,00. (Meia) R$ 63. Setor C (Social): R$ 63. Arapiraca Shopping (82)9 96013168/ Parque Shopping (82) 3028-8010/ Unicompra Farol (82) 3317-8438.

Um Casamento Feliz

A Visita da Velha Senhora

“Encenar a Visita depois de A Alma Boa e Galileu é quase como finalizar uma trilogia”, diz Denise Fraga. “A trilogia de nosso eterno dilema entre a ética e o ganha pão.” O espetáculo cumpriu temporada em São Paulo e Rio de Janeiro e Belo Horizonte e estará em cartaz nos dias 18, 19 e 20 de maio, Sexta e sábado, às 20h; Domingo, às 18h, no Teatro Gustavo Leite – Centro de Convenções. Com: Com Denise Fraga, Tuca Andrada, Fábio Herford, Romis Ferreira, Maristela Chelala, Renato Caldas, Eduardo Estrela, Beto Matos, Luiz Ramalho,Rafael Faustino, David Taiyu, Fábio Nassar e Fernando Neves.Ingressos: Plateia: R$ 60 (inteira) / R$ 30 (meia-entrada). Mezanino: R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meiaentrada). Vendas:Livraria Leitura (Maceió Shopping e Parque Shopping), Soraya Farias Acessórios (Rua Eng. Mário de Gusmão, 507 – Ponta Verde). www.eventim.com.br. Mais informações: 82 3235-5301

Forró das Antigas

É

uma livre adaptação de “Apologia de Sócrates”, de Platão, realizada pelo premiado autor Ivan Fernandes em forma de monólogo, com o ator Tonico Pereira no papel título. A peça comemora os 50 anos de carreira do ator, que pela primeira vez, faz um monólogo. Dias: 11 e 12 de Maio, às 21h, no Teatro Deodoro. Ingressos: R$ 84,00 (inteira) e R$ 44,00 (meia). Meia entrada válida para estudantes, professores, pessoas acima de 60 anos, associados à OAB e Ingresso Solidário (meia entrada + 1kg de alimento não perecível). Vendas: Viva Alagoas, Folia Brasil e Acesso Vip. Vendas online: www.lojadeingresso.com. Mais Informações: 3032-5210 ou 99601-2828.

Do pé-de-serra de Luiz Gonzaga ao eletrônico com pegadas de arrocha da atualidade, o forró passou por transformações e fases variadas, sendo uma delas marcada pelo romantismo e pelas primeiras versões mais estilizadas do gênero. No dia 30 de maio (véspera de feriado), as bandas Mastruz com Leite, Magníficos, Limão com Mel e a cantora Eliane, subirão ao palco montado no estacionamento do Parque Shopping, onde o público poderá conferir como as atrações conseguiram fazer o sucesso do estilo, atravessar gerações. Ingressos à venda no Acesso Vip (Parque Shopping e Unicompra Farol) , Folia Brasil (G Barbosa Stella Maris) e Viva Alagoas (Maceió Shopping). Mais informações: 82. 3313-2429.

Futebol engraçado

A

Companhia de Comédia Os Melhores do Mundo comemora aniversário no dia 21 de abril, juntamente com a cidade de Brasília. E foi na Capital Federal que a trupe se juntou para criar a companhia de humor referência do País e fonte de inspiração de novos grupos. Formado por Welder Rodrigues, Pipo, Jovane Nunes, Victor Leal, Adria- no Siri e Adriana, os MM são sucesso por onde passam há pelo menos 2 décadas. Desde 2007 vem praticamente todos os anos a Maceió trazendo na bagagem uma comédia inteligente, provocando acessos de riso incontroláveis na plateia. Em ano de copa, nada mais indicado do que pinçar no repertório de mais de 20 espetáculos do grupo. Neste sábado (05), às 21h30. Ingressos: R$ 45,00 (meia) e R$ 90,00 (inteira). Vendas: Livraria Leitura (Maceió Shopping e Parque Shopping). Soraya Farias Acessórios (Rua Eng. Mário de Gusmão, 507 – Ponta Verde).

Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras Com o intuito de promover intercâmbio de artistas e a formação de leitores, o projeto Arte da Palavra – Rede Sesc de Leituras traz para Alagoas o Circuito de Autores nos dias 8, 9 e 10 de maio, e o Circuito de Oralidades nos dias 14, 15 e 16 de maio, aberto ao público. Com a presença dos autores Adri Aleixo (MG), Cida Pedrosa (PE) e Ricardo Aleixo (MG), tendo como mediadores Milton Rosendo (AL) e Marta Eugênia (AL), os encontros

FALE CONOSCO - A Agenda é um serviço gratuito de orientação ao leitor. Os interessados em divulgar eventos, shows e exposições podem enviar material através do endereço: tiagenda@hotmail.com

RESUMO DE NOVELAS GLOBO 18h

GLOBO 19h

GLOBO 21h

Com direção de Marcos Caruso e texto de Daniela Ocampo, a comédia fala da febre contemporânea da autoexposição e da necessidade de estar online acompanhando tudo e todos. Elenco: Mateus Solano e Miguel Thiré. O Espetáculo terá apresentações em Maceió nos dias 02 e 03 de junho, Sábado às 21h e Domingo às 20h, no palco do Teatro Gustavo Leite. Ingressos: - Mesanino: R$ 54, 00 (inteira) e R$29,00 (meia)/- Platéia B: R$ 84,00 (inteira) e R$ 44,00 (meia)/Platéia A: R$ 104,00 (inteira) e R$ 54,00 (meia). Meia entrada válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, e Ingresso Solidário (meia entrada + 1kg de alimento não perecível). Vendas: Viva Alagoas (Maceió Shopping), Folia Brasil (G Barbosa Stella Maris e Acesso Vip (Parque Shopping). Mais Informações: (82) 3032-5210 / 99601-2828.

RECORD 21h

ORGULHO E PAIXÃO

DEUS SALVE O REI

O OUTRO LADO DO PARAÍSO

APOCALIPSE

Julieta revela a Ema que sua família está falida. Felisberto passa mal com a notícia da fuga de Lídia. Ernesto conta a Elisabeta sobre a situação de Ema. Rômulo acode Felisberto. Ernesto parte com Camilo, Ludmila e Januário para São Paulo. Aurélio e o Barão são despejados de sua casa, mas Julieta afirma que Ema pode continuar na fazenda. Charlotte e Darcy descobrem que Uirapuru fugiu com Lídia. Williamson anuncia que comprou a fazenda Ouro Verde. Ofélia e Felisberto descobrem que Elisabeta pretende se mudar de vez para São Paul

Catarina manda Delano prender Virgílio no cativeiro com Amália e atear fogo à casa. Afonso vê a fumaça na direção da casa e salva Amália e Levi. Selena tenta convencer Romero a enfrentar Rodolfo. Saulo desconfia de Agnes e decide ir ao vilarejo onde ela morava. Afonso afirma que reunirá o povo para lutar contra Rodolfo. Brice garante que ajudará Agnes a desenvolver seu dom. Rodolfo aceita o conselho de Lucrécia e decide se separar de Catarina. Todos na aldeia decidem seguir com Afonso e Amália até Montemor.

Clara se desespera e Patrick afirma que é preciso envolver Bruno.Renato explica seu plano a Fabiana e diz a Juvenal que ele manterá sua rotina normalmente, para não levantar suspeitas. Zé Victor ameaça tirar a vida de Xodó, e Mercedes invoca a proteção dos espíritos. Leandra anuncia que Maíra é a nova dona do bordel. Laura anuncia a Rafael que está grávida. As vozes revelam a Mercedes que Tomaz corre perigo. Renato se irrita com a demora da ligação de Clara e planeja lhe fazer uma surpresa para press

Não há exibição aos sábados

se dividirão nos dias 8,9 e 10 com o Circuito de Autores em Maceió, Arapiraca e Palmeira dos Índios, promovendo o encontro de escritores de diferentes locais do país, com suas diversas dicções, por meio de debates e apresentações artísticas, e o Circuito de Oralidades, nos dias 14, 15 e 16, nas mesmas cidades, promovendo a experimentação, como um laboratório de fruição narrativa e poética. Mais informações: 2123.2437.

Henrique (Eri Johnson), um heterossexual e solteirão convicto, recebe uma herança milionária da sua Tia Carola, mas no testamento consta a condição que ele precisa se casar, e ficar bem casado por um período mínimo de um ano. Uma comédia construída com inteligência que transforma o público em cúmplice das engraçadíssimas situações criadas em cena. Ingresso: inteira – R$ 84,00 / Estudante, idoso, solidário, Porto Seguro – R$ 44,00. Vendas: Viva Alagoas (Maceió Shopping), Folia Brasil (G Barbosa Stella Maris), Acesso Vip (Parque Shopping). Vendas online: www. lojadeingresso.com. Ingresso Solidário será disponível para quem levar 1 quilo de alimento no dia do evento. Neste domingo (06) às 20 horas. Local: Teatro Gustavo Leite.

Padre Alessandro Campos

O Padre Alessandro Campos é atualmente um dos maiores nomes no meio musical religioso nacional e desembarca em Maceió neste sábado (05), às 19h, no Centro de convenções (Pavilhão). Ingressos Individual social R$ 30 + 1kg, Cadeiras Numeradas: R$40 (+ 1 kg alimento não perecível), R$50((+ 1 kg alimento não perecível) e R$60 (+ 1 kg alimento não perecível). Vendas: Papelaria Planeta, Pata Leve, Loja Bambu (Amélia Rosa). Mais informações: 99955-2526.

Exposição “Perspectiva de Mim” A Pinacoteca Universitária apresenta a exposição “Perspectiva de Mim”, de Rosa Maria Piatti. A artista, convidada para dar início à pauta anual de exposições, traz pela primeira vez uma mostra individual aos salões do museu, onde revela

a sua libertação pessoal por meio da arte, como um resgate a sua essência conceitual. A mostra permanece nos salões do museu de arte contemporânea até o dia 13 de junho, aberta a visitação de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30.

CANÇÕES

Cinebiografia sobre Elton John será “fantasia musical” Rocketman, cinebiografia de Elton John que será estrelada por Taron Egerton, começará a ser filmada este ano, segundo o protagonista. Egerton falou à Collider sobre o gênero do filme, esclarecendo que não será uma biografia formal: “Será sobre os anos de formação de Elton John. Todos acham que é um filme de biografia, não é. Será uma fantasia musical, então usa as suas músicas para expressar os grandes e mais emocionantes momentos de sua vida. E ele não é o único personagem que canta”. O ator ainda falou sobre o cronograma do estúdio e a sua preparação para o papel: “Esperamos começar a filmar em agosto, mas ainda não é confirmado. Mas será este ano com certeza (...) Eu já gravei algumas músicas. Farei aulas de canto. O próximo passo, eu acho, é pensar na coreografia e tentar criar uma performance que pelo menos chegue perto à dele”.

O estúdio vai produzir e distribuir mundialmente a produção, que mostrará como o músico passou de um prodígio na Academia Real de Música para um astro global. O site afirma que Egerton surpreendeu ao cantar as músicas de John e fará as performances musicais no longa. Lee Hall é o responsável pelo roteiro e Dexter Fletcher é o diretor. Elton John, Matthew Vaughn estão entre os produtores. A produção deve começar entre junho e agosto deste ano. Elton John comentou o projeto. “Eu realmente gostaria de fazer um filme sobre a história da minha vida, e estamos pensando sobre isso. Já temos um ótimo roteiro de Lee Hall, que também escreveu Billy Elliot. É óbvio que não vai ser um filme comum, minha vida foi uma loucura e eu acho importante fazermos uma coisa mais surrealista. Eu adoraria fazer isso”, disse.


TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018 DIVERSÃO&ARTE 3

Vai longe

FLÁVIO RICCO - colaboração: José Carlos Nery - www.twitter.com/flavioricco

Band errou feio na troca de programas do Milton Neves

Dado interessante

A

Band tinha o “Terceiro Tempo”, até bem pouco tempo, como seu programa mais rentável de todo final de semana. Além de uma audiência acima dos padrões atuais da emissora, sempre foi muito eficaz no campo comercial. Média em torno de 3 ou 4, mas muitas vezes chegando a picos de 6, até 7 pontos, dependendo daquilo que o futebol no domingo pudesse apresentar de interessante ou como tema para discussão. Como uma coisa depende diretamente da outra, audiência versus faturamento, um a um. Mas aí, o que fizeram? Acabaram com o “Terceiro Tempo” e deram ao seu apresentador Milton Neves um programa novo, “Show do Esporte”.O último resultado de audiência foi de um ponto. Troca desastrosa. Pior que isso: a perspectiva de melhora, mantido o formato atual, é quase nenhuma. Será que alguém consegue explicar se, além do mexer por mexer, tal mudança foi alicerçada em alguma outra lógica até agora impossível de ser captada?

Maurício Fidalgo / Globo

Humberto Carrão e Fernanda Torres serão as novidades na nova temporada da série “Sob Pressão”, exibição na Globo, no segundo semestreEle, um médico ortopedista, que aceita proposta da nova diretora do hospital, Fernanda, envolvida em esquemas de corrupção

TV TUDO Parceria

Após duas semanas com trabalhos em externas, a série “Z4“, parceria do SBT e Disney, começou a gravar nos estúdios da produtora Formata. A direção é do ex-Globo, Marcio Trigo. A data de exibição ainda não foi fixada.

Alvo da vez

Jojo Todynho é o mais novo alvo dos programas da TV. É certeza de audiência. A sua assessoria, diante de tamanha procura, está tentando administrar e cuidando de maneirar um pouco.

O Multishow vai estrear segunda-feira, às 22h30, a quarta temporada de “Os Suburbanos”, programa do Rodrigo Sant’anna, em 30 episódios, sob a direção-geral de Luciano Sabino.E o detalhe é que a quinta temporada já entrou em discussão.

Craque

Joanna de Assis, que levantou toda sujeira na ginástica brasileira, em matéria no último “Fantástico”, é de muito tempo uma repórter de trabalhos muito bons. Sempre foi assim no SporTV e, nos últimos tempos, como correspondente nos Estados Unidos.

Como é a vida

Até bem poucos dias, o que mais existia nas produções das TVs eram agentes musicais insistindo, pedindo pelo amor de Deus, para conseguir encaixar seus contratados. Agora, com o considerável aumento dos programas de auditório, a disputa voltou a ser intensa, mas sempre com Eduardo Costa, Leonardo e também Jojo Todynho aparecendo entre os mais procurados.

Fechados os números de audiência de abril, o canal GloboNews apareceu em 10º na classificação geral das emissoras de TV. Entre os canais fechados, perdeu apenas dos sempre insuperáveis infantis, Cartoon Network e Discovery Kids, mas ganhou de todos os esportivos.

Jogo bom

Barcelona e Real Madrid, no Camp Nou, neste domingo, 3 da tarde, terá transmissão exclusiva do Fox Sports. Messi e Cristiano Ronaldo em campo. Um encontro, porque o time catalão já levantou o título, que vale mais pela rivalidade. Transmissão de João Guilherme, PVC, Edmundo e Carlos Eugênio Simon.

Outra curiosidade

Se a Globo, em abril, como de costume, fechou novamente em primeiro lugar, índices das 24 horas, em São Paulo, entre os canais abertos a RIT do pastor R.R. Soares foi o último colocado. Na classificação geral, contando os fechados, ocupou a 48ª colocação.

Resenha

O ex-jogador Kaká será o convidado do “Resenha”, às 22h deste domingo, ao vivo, na ESPN Brasil. Melhor jogador do mundo em 2007, ele está se preparando para seguir no mundo do futebol como dirigente. Com apresentação de André Plihal, o programa terá as participações de César Sampaio, Djalminha e Fábio Luciano, e Elano como outro convidado.

C’est Fini O programa “Eliana”, neste domingo, no SBT, terá a estreia do quadro “Minha Mulher Que Manda”, que mistura comportamento e culinária de uma maneira diferente. Uma competição que reúne três casais para disputar um prêmio de R$ 10 mil. Ficamos assim. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Bate-rebate ·O Canal Brasil, como homenagem ao Agildo Ribeiro, irá exibir na segunda-feira dois filmes estrelados por ele... ·... O primeiro, às 18 horas, “Tocaia no Asfalto”, produzido em 1962... ·... E, na sequência, “Casa da Mãe Joana”, mais recente, de 2008. Este foi também seu último trabalho para o cinema. ·Luka Ribeiro, finalista de “A Fazenda 8”, fechou participação em “Jesus”, próxima novela da Record... ·... Foi escolhido para o papel de Shabaka, um tipo solitário que encontra e cria a jovem Susana, vivida por Bárbara Reis... ·... A novela “Jesus” está prevista para estrear em julho... ·... Mas a direção da Record prefere ainda não fixar uma data, só dando a certeza que será depois da Copa. ·Aliás, é interessante como muitos setores, especialmente algumas TVs, costumam determinar linhas em seus calendários... ·... Depois das férias, depois do Carnaval, agora depois da Copa e assim vamos indo. ·Atriz Gisele Fraga, jornalista Maria Cândida e o humorista Gustavo Mendes são alguns convidados do Amaury Junior, neste sábado, no seu programa da Band.

HORÓSCOPO ÁRIES - (21/3 a 19/4) – O contato positivo da Lua com Mercúrio entre a nona casa e seu signo beneficia a harmonização de suas ideais. Fase boa para aumentar seus conhecimentos, porém não para expressar suas opiniões, dada a tensão da Lua com Vênus no setor comunicativo. Atenção com seu pensamento. No amor, a convivência afetiva tende a passar por certos problemas. Repense o relacionamento e faça escolhas mais sensatas ao futuro do romance. O contato positivo da Lua com Mercúrio beneficia a compreensão mútua e bem estar da convivência a dois.

TOURO – (20/4 a 20/5) – A tensão da Lua com Vênus no setor material destaca problemas na gestão do seu dinheiro. Frente às restrições que limitam suas atitudes, repense sobre os acontecimentos do passado e recupere o que pode ser usado agora. O contato positivo com Mercúrio indica crescimento. GÊMEOS – (21/5 a 21/6) – Fase de dramaticidade nas relações com a tensão da Lua e Vênus entre a sétima casa de seu signo. O contato positivo da Lua com Mercúrio confere estabilidade emocional e argumentações sensatas que visem conciliações. Dedique-que ao convívio. No amor, repense seu relacionamento afetivo com cuidado. A Lua em interação positiva com Mercúrio sugere

mais persistência com seu bem estar amoroso. Mostre que é possível colocar a relação no topo de suas prioridades. CÂNCER – (22/6 a 22/7) – O contato positivo da Lua com Mercúrio entre a sexta e décima casas reequilibra sua rotina, apesar dos problemas. A tensão da Lua com Vênus e Netuno permite que sua racionalidade seja recuperada, bem como sua força para lutar pelos problemas. LEÃO – (23/7 a 22/8) – O contato positivo da Lua com Mercúrio evidencia a busca por mais conhecimento à medida que suas emoções se fortalecem. Procure vencer os problemas e evitar brigas com as pessoas, dada a desarmonia da Lua com Vênus.

No amor, coloque o relacionamento afetivo em ordem de forma sensata. Os planetas auxiliam você a fazer escolhas mais coerentes para lidar melhor com os problemas do dia a dia. VIRGEM – (23/8 a 22/9) – Seu dia a dia encara problemas que comprometem a segurança pessoal, levando em conta o contato tenso da Lua com Vênus e Netuno. Enfrente seus dramas com praticidade, já que o contato positivo da Lua com Mercúrio indica amadurecimento. LIBRA – (23/9 a 22/10) – Cuide melhor da pessoa querida. O contato positivo da Lua com Mercúrio indica enfrentar os problemas do convívio de forma fiel e com mais abertura.

As divergências afetivas tendem a ser tratadas com mais serenidade. ESCORPIÃO – (23/10 a 21/11) – Sua vida financeira fica fragilizada pela tensão da Lua com Vênus no setor material. Você encontra oportunidades de se levantar com organização e bom senso, dado o contato positivo da Lua com Mercúrio entre a segunda e sexta casas. SAGITÁRIO – (22/11 a 21/12) – As dificuldades na convivência afetiva precisam ser vistas com bom senso e como razões para amadurecimento do romance. O contato positivo da Lua com Mercúrio indica que você expresse mais confiança emocional para lidar com a relação.

CAPRICÓRNIO – (22/12 a 19/1) – Com a Lua no setor de crise em contato desarmônico com Vênus e Netuno, você tende a se estressar com os problemas rotineiros. Procure descansar e fuja de brigas, dado o contato positivo da Lua com Mercúrio. AQUÁRIO – (20/1 a 18/2) – A Lua no setor de amizades indica problemas nas relações com as pessoas, já que se tensiona a Vênus e Netuno, trazendo problemas sociais. Seja racional, pois o contato positivo da Lua com Mercúrio beneficia o planejamento. PEIXES – (19/2 a 20/3) -Sua visão prática guia você a se dedicar em melhorias na sua rotina com o contato positivo da Lua com Mercúrio. A tensão da Lua com Vênus e Netuno indica desafeições e atitudes insensatas com as pessoas.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

© Revistas COQUETEL

"Um milhão", em "megagrama" (?) Costa, cantora de "Festa do Interior"

Conjunto Quadriciclo em forma de rugas de bicho, encontrado ao redor em alguns Reveses dos olhos shoppings O que é transmitido às gerações que se seguem Local onde são fixados avisos

Instalação provisória destinada a fugitivos de guerra Que provoca riso

Babosa Grande fatia

Objetivo, em inglês Debaixo de Couro cabeludo arrancado do crânio Parte do Local da boi realização de filmaCasa de gens diversões com shows musicais Arma indígena

Sistema operacional da Apple Tubo que pode ser inserido em vaso sanguíneo

Mar de (?), lago da Ásia Central

Espécie de peneira (bras.)

Inferior a Bastão de Poseidon (pl.)

Brincadeira com bolas de gude Cerimônias

Imposto sobre operações financeiras Conjunção adversativa (Gram.)

Mamífero bicolor popular na China

Força para continuar a agir (fig.)

Cântico sagrado dos hebreus

Prefixo de "monólogo" Engenhoso; esperto

Residência invernal dos esquimós Feixe (?) de frutas, sobremesa

(?) Abreu, senadora e pecuarista brasileira Grupo social culturalmente homogêneo

Registros escritos de reuniões 59

Solução

U L A

A

T

O

L M U C I A M C

P

E

R T E E

L

S O

D E R R O T A S

I T M O N O S E T M E G A

S A N T A C A P E G A L

A A L D O E A C A E R M A L S A N L M M O L U I A

A

E S N

T R I D E S O B I

T

D A

T

G A S

A D A A

S L

I

A P A C

A

N A

L

I

O O

H I L A R

D E R E F U G I A D O S P

O

C A M

BANCO

O R I Z

questionado sobre se o álbum acabou se tornando mais autobiográfico: “Acho que o álbum inteiro é. Eu estou tendo uma discussão comigo mesmo, ininterrupta, através de 11 músicas”. Tranquility Base Hotel & Casino. Com tanta antecipação, qualquer informação é lucro, e a banda já revelou bons detalhes do disco. Para simplificar, reunimos tudo que já sabemos do sexto álbum da banda inglesa. O novo álbum será lançado em 11 de maio.

A

Casino, quase foi lançado como um álbum solo do vocalista Alex Turner. O guitarrista Jamie Cook declarou: “No começo, porque era tão básico - piano, vocal e nenhuma guitarra - Alex estava dividido sobre se seria um álbum do Arctic Monkeys ou algo em outra direção. E talvez no começo eu também tenha pensado isso. Não é definitivamente um álbum com muito peso nas guitarras, não é o que nós tipicamente fazemos. Isso acabou requerendo mais consideração” [via NME]. Turner foi então

Tipo de móvel vendido em brechós

D

Mojo divulgou uma lista de músicas que influenciaram o vocalista Alex Turner para o novo álbum do Arctic Monkeys, Tranquility Base Hotel & Casino, previsto para 11 de maio. A revista compartilhou páginas escritas à mão por Turner, explicando que as músicas “estavam na cabeça de Turner durante a composição e gravação” do álbum. A lista inclui a música “Aos Barões”, de Lô Borges. O Arctic Monkeys revelou que seu próximo álbum, Tranquility Base Hotel &

Solidão, em espanhol Radiano (símbolo)

Grande carinho

K

Alex Turner cita influência de Lô Borges em novo álbum A

Facção Indicação com dia, mês e ano

(?) Blanco, atriz de "A Força do Querer"

(?) Andrés, ilha caribenha

Craque argentino do Barcelona

3/aim — lua — san — set. 4/aral. 7/soledad — soler te.

ARCTIC MONKEYS


4 DIVERSÃO&ARTE

TRIBUNAINDEPENDENTE

MACEIÓ - SÁBADO E DOMINGO, 5 E 6 DE MAIO DE 2018

Tudo na vida é passageiro. Dinheiro, fama, sucesso... Mas Deus é eterno FOTOS BY CHICO BRANDÃO

Carnes nobres no Espettos do Picuí

N

este domingo, a coluna tem uma super dica para os nossos leitores. A Espettos do Picuí no Barro Duro, uma bela churrascaria bem estruturada, decorada com muito bom gosto e requinte, oferece para você uma excelente estrutura de atendimento, com carnes maravilhosas e um super buffet para os mais exigentes clientes. Empresários Ribeiro Pinto e Karina Maciel esperam por você. Informações pelo telefone 3320-8413.

U

Eles formam um casal crème de la crème em nossa sociedade, eles sempre se destacam nos acontecimentos sociais e empresariais da cidade, eles são donos de valores que enaltecem e engrandecem os casais de nossa sociedade. Eles são a médica acupunturista Carla Coutinho Cansanção e o empresário de sucesso José Maurício Cansanção. Os dois são merecedores da nossa admiração. Parabéns, amigos, parabéns!

Eles formam um casal perfeito, eles são nomes consagrados quando falamos em empresários de sucesso, eles são o construtor Mário Marroquim, em companhia da sua amada, a empresária Flávia Coutinho Marroquim. O casal sempre acontece nas reuniões sociais e empresariais da nossa cidade. Parabéns, vocês são especiais!

FOTO BY ARQUIVO PESSOAL

Apostas de verão

T

O

Experimentando diferenças

U

m time mais do que especial de atletas alagoanos marcou presença no Parque Shopping esta semana para conferir a arena de esportes adaptados do projeto “Experimentando Diferenças” - e ter a oportunidade de sentir na própria pele as dificuldades e as sensações da prática dos esportes paralímpicos. Na sexta (4), o projeto recebeu a visita dos medalhistas das paralimpíadas Yohansson Nascimento e Marivana Nóbrega, ambos do atletismo e naturais de Alagoas, para uma tarde de fotos, autógrafos e conversa com o público.

Feira orgânica na Ponta Verde

M

ais uma edição da Feira Orgânica da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos ocorre no domingo (6), na orla de Ponta Verde, das 8h às 12h. A iniciativa conta com a parceria da Prefeitura de Maceió. Estarão à disposição do público produtos folhosos, frutas, verduras e legumes.

A

coluna agradece o convite para a próxima edição do Concerto aos Domingos, nesse 6 de maio, no Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas, às 10h, com o Quinteto Parambuco (Paraíba e Pernambuco). No programa, obras de E. Nazaré, Pixinguinha, Waldir Azevedo, Sivuca, Senô, entre outros. Simplesmente imperdível!

Dia das Mães no Arapiraca Garden Shopping

N

esta coluna de final de semana temos o prazer de enfocar um casal top em nossa sociedade, eles que são uma referência de como viver bem. O casal é um exemplo de muito amor, companheirismo e cumplicidade, eles são Luciana e Péricles Medeiros, que sempre acontecem nos grandes acontecimentos sociais e empresariais da cidade. O casal sempre merecerá o nosso carinho e os nossos aplausos. Parabéns, amigos, saudades!

D

epois do natal, o dia das mães é o momento mais importante para o mercado de varejo no mundo. No Brasil não é diferente. Nessa época, pensa-se em como homenagear e presentear as mães, esposas e sogras. Foi com esse objetivo que o Arapiraca Garden Shopping deu início a campanha “Mãe merece tudo de bom”, que ficará disponível até 13 de maio. Nela, a cada R$250 em compras, o visitante será presenteado com um sofisticado difusor aromático da Avatim, uma das mais admiradas perfumarias do país.

Finger apresenta

E

T

Chilli Beans apresenta

mpresários Otávio Galindo e Adriana Ferraz, nomes expressivos em nossa cidade, convidam os nossos amigos para conhecer a nova coleção Chilli Beans outono/inverno’18, com armações para grau, masculinos e femininos, além de óculos de sol que são a cara da estação. Você vai adorar o requinte e o design dos óculos Chilli Beans nos maiores shoppings da cidade!

Morena Rosa na Maison Márcia

opNews, no quadro ModaNews, apresenta para os nossos leitores um belíssimo modelo outono/inverno’18 da conhecida grife Morena Rosa. A coleção está linda. Vale a pena conferir as novidades na Maison Márcia, localizada na Rua Mário de Gusmão, Ponta Verde. Convidamos as nossas amigas para conhecer as novas tendências da grife. Vale a pena conferir!

Maria Antonieta em alta

opNews parabeniza os empresários Leopoldo, Breno e Dedé Gama pelo sucesso do Maria Antonieta Restaurante, localizado na Avenida Jatiúca. A bela casa, com serviço perfeito, carta de vinho inesquecível e menu maravilho esperam por você para viver momentos deliciosos. Aproveitamos para parabenizar a todos que fazem a bela casa. Parabéns, amigos, vocês são top em nossa sociedade!

verão vem se aproximando no hemisfério Norte, e com ele uma nova leva de acessórios para acompanhar os looks frescos, leves e coloridos da temporada ensolarada, que promete não ser nada monótona nesse quesito. As bolsas de palha continuam com tudo, em versões que vão do rústico ao grifado, enquanto as bolsas de PVC se firmam como um novo hit em modelos de todas as faixas de preço. Entre essa oferta de tantas texturas e materiais, as beaded bags - bolsas de contas - se firmam como o resgate da vez, voltando dos anos 70 como o acessório perfeito para fugir do óbvio e animar feeds do Instagram.

Concerto aos Domingos

Inventiveiras

m grupo de artesãs alagoanas, denominado de Inventiveiras, comercializa suas peças em bordados, crochê, filé e cerâmica, em uma exposição, a partir de sextafeira (4), na praça central do Maceió Shopping. Com aproximadamente 300 profissionais beneficiadas, a mostra integra as ações de apoio à comercialização do artesanato no estado, trata-se do programa Alagoas Feita à Mão, projeto do Governo de Alagoas, coordenado por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur).

O O

s móveis planejados Finger, que têm seu showroom localizado na Avenida Álvaro Calheiros, traz para os nossos leitores um ambiente que deixará a sua casa o espaço dos seus sonhos. Os móveis planejados Finger apresentam um belo ambiente. O jovem empresário Alexandre Filho espera por você para conhecer as novidades da marca no showroom. Vale a pena conferir!

Carvalheira na Fogueira

Carvalheira na Fogueira já está com o line-up definido. Depois de anunciar Luan Santana e Xand Avião, a festa junina mais aguardada do agreste pernambucano terá também show do cantor Gustavo Mioto. No Carvalheira na Fogueira ele vai apresentar seus sucessos, como “Anti-amor”, “Impressionando os anjos”, “Câmera lenta” e “Coladinha em mim”. Além dele, haverá também a apresentação do cantor Wallas Arrais e dos DJs Ralk e Korossy. O Carvalheira na Fogueira será no dia 23 de junho no Hotel Fazenda Monte Castelo, BR232 – Km92. Os ingressos custam R$250 e estão à venda no site www.padraocarvalheira.com.br, na sede da Cachaçaria e nas lojas Noha Shoes.


PLUS

ANO 6 |347

2MKT SHOW:

UMA INTERVIEW COM PAULO TENÓRIO, DA TRAKTO, SOBRE A SEGUNDA EDIÇÃO DO EVENTO

TALK COM O GASTRO

FERNANDO GOMES DE BARROS COSTA ALERTA:

P L U S DIA DAS MÃES: CONTAGEM REGRESSIVA

“NOSSO ESTILO DE VIDA IMEDIATISTA É O RESPONSÁVEL POR MUITOS MALES. PRECISAMOS TER UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL”


James Silver editor

Presidente - José Paulo Gabriel dos Santos Dir. Adm/financeiro - Flávio Miguel Peixoto Editor Geral - Ricardo Castro Dir. Comercial - Marilene Canuto Comercial: 082.3311.1330 Redação: 082.3311.1328

James Silver | Editor especialmente convidado Marcelle Limeira | Assistente de produção Diagramação | Jonathan Canuto

LUXO

Por James Silver | jamessilver@smag.al

DFB

“Olhar a realidade através de todas as camadas, abrangendo todos os sentidos e todas as direções”, resume Claudio Silveira (foto), ao anunciar a proposta da edição 2018 do DFB Festival, uma das mais relevantes mostras multidisciplinares do Nordeste e maior encontro da moda autoral da América Latina. Realizado de 09 a 12 de maio, o evento volta, pela quarta vez, ao Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza, e apresenta uma extensa programação reunindo cultura, música, moda, dança, gastronomia, empreendedorismo e formação. Com 19 anos de uma história fortemente ligada à tradição da indústria cearense de têxteis e confeccionados, o DFB Festival apresenta um line up composto por 38 desfiles de moda, entre nomes autorais, grandes players nacionais e criadores emergentes, distribuídos em três salas, com capacidade para 1.000, 800 e 600 lugares. Números que o tornam reconhecido internacionalmente como o maior e mais relevante encontro da moda autoral da América Latina. Entre as novidades, a parceria com a têxtil catarinense Lunelli, que desenvolverá uma série de ações no DFB, incluindo um desfile que marca o retorno de um ícone da nova geração de designers brasileiros. Outra boa nova é o retorno da Riachuelo ao lineup do Evento, encerrando, novamente, o DFB Festival com um trendshow reunindo os principais desejos de moda da temporada em um megadesfile.

Para o público jovem e adulto, a peça AVELHA estará em cartaz aos sábados e domingos de maio, respectivamente às 20h e às 19h, no teatro do Centro Cultural Arte Pajuçara, bairro de Pajuçara, em Maceió. Drama e comédia se misturam no novo monólogo de Ivana Iza, que vive Mag, uma mulher bem resolvida que quer trabalhar, viver, ser, sofrendo suas angústias como todos nós vivemos, velhos ou novos. Com a nova montagem, a atriz quer tocar o público, envolvê-lo profundamente no espetáculo e também, quem sabe, ajudar a levantar um debate A peça já foi vista por 4 mil pessoas e marca a volta de Ivana Iza aos palcos após dois anos de pausa do seu último espetáculo, Devassas, que fez história levando mais de 50 mil pessoas ao teatro e passando por temporadas bem sucedidas em vários estados do país como São Paulo, Sergipe e Rio Grande do Norte.

MEN

Três pautas surgem em minha mente ao digitar essas linhas: primeiro, a conversa com o jovem gastro Fernando Gomes de Barros Costa, que recebeu nossa equipe para uma entrevista sobre como o estilo de vida ocidental tem gerado uma epidemia de obesidade, que leva à doença do refluxo gastro-esofágico e esteatose hepática, por exemplo. Dentre outros assuntos... Resultado: virou capa e recheio desta edição... Segundo: o Dia das mães que está chegando... já é hora de dedicar um tempinho para comprar um presente para esta pessoa mais do que especial. Para ajudar os filhos e filhas nesta importante missão, e deixar as mamães de todo o país ainda mais belas e felizes, a sessão Beauty garimpou diversos opções de kits de perfumes, cosméticos, maquiagem e esmaltes com preços para todos os bolsos. É só escolher o que mais vai agradar a mamãe... Terceiro: já afivelamos as malas para mais uma fashion week. Realizado de 09 a 12 de maio, o DFB volta, pela quarta vez, ao Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza, e apresenta uma extensa programação reunindo cultura, música, moda, dança, gastronomia, empreendedorismo e formação. E, claro, conta com nossa cobertura in loco... O lineup cultural tem como epicentro o Palco Ceará Sobe o Som, que, no decorrer de quatro dias, receberá oito shows e quatro sets de DJs convidados. Entre os destaques, a festa de abertura do DFB Festival 2018, na quarta, 09 de maio, apresenta a carioca Iza, uma das grandes novidades da música pop brasileira. No lineup dos shows, a revelação As Bahias e a Cozinha Mineira, CIC e a paulista Karol Conka, encerrando o evento no sábado, com uma festa que traz o tema “Não se importe com meu decote”, patrocinada pela marca cearense Nayane Rodrigues Lingerie... Quer mais?!? Tem as colunas Luxo! – logo aí ao lado – e Zik... Quer mais ainda?!? Isso é Tudo!

2 | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018 | Tribuna Independente

AVELHA

EDITORIAL

mommy

O Dia das Mães está chegando e, a Invoice Calçados possui modelos cheios de personalidade para presentear em grande estilo. A Coleção Inverno 2018 da marca traz novidades para uma pluralidade de estilos e momentos da mulher contemporânea, entre os destaques, estão os modelos com enfeites de fivela. Tendência na cena fashion, as fivelas saem da proposta de fechamento e passam a adornar as peças como enfeites no Inverno 2018. Inspiração vinda do universo masculino, elas surgem em propostas femininas e exuberantes, complementadas por pedrarias e com texturas variadas, conferindo uma boa dose de estilo a variados modelos do mix da Invoice, entre eles sapatilhas, scarpins e botas, em nuances que vão do preto à cartela de terrosos, azul marinho e metalizados. O mix está disponível para compra em pontos de vendas selecionados de todo o Brasil.

A Capodarte anuncia sua chegada ao mercado masculino, com o lançamento da linha Uomo. A marca identificou a demanda de acessórios de alto padrão que atendessem ao lifestyle dos homens contemporâneos, que valorizam a qualidade com elegância, conforto e versatilidade. A 1ª coleção de sapatos como oxfords, esportivos, brogues, drives e loafers, cintos, carteiras, nécessaires e mochilas Capodarte Uomo traz a consagrada sofisticação e o DNA europeu da marca, que combinam materiais nobres de altíssima qualidade, com a precisão da técnica artesanal nos detalhes e acabamentos diferenciados.


LUXO

Tribuna Independente | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018 | 3

Por James Silver | jamessilver@smag.al

FAX.XAF

TRIP

Explorar novos lugares e descobrir novas ondas, foram as inspirações para a campanha de Inverno 2018 da HB – Hot Buttered. Em uma viagem entre amigos a bordo de um veleiro, atletas da marca como Bruno Santos – um dos melhores tube rides do mundo, Fernando Moura (Fanta) e Chantalla Furnaletto, comandaram a expedição em busca de adrenalina. Esportes radicais e aventura fazem parte do DNA da HB – Hot Buttered e para a estação mais fria do ano, rotas desconhecidas, pesca submarina e mapas náuticos ilustram o ensaio clicado por Antônio Brasiliano, dando um toque de emoção, refletindo o espírito esportivo e sensação de liberdade. O roteiro do veleiro foi inspirado em uma viagem na Austrália – de Sidney até as Ilhas Whitsunday, afinal estar no país e fazer uma road trip é praticamente lei. Praias paradisíacas, além de ondas perfeitas para quem surfa, são um prato cheio para os viajantes. A trip a bordo de veleiro permite um contato maior com a natureza selvagem do local, possibilitando explorar profundamente o que o país oferece de melhor.

SEM RÓTULOS

Faces é a marca da Natura que está na rua, que dialoga com o tempo do agora e que inaugura uma conversa aberta a respeito da expressão de identidade. Com o conceito#tánacara#tánarua, Faces acompanha as transformações que acontecem ao redor do mundo e se propõe a dialogar com jovens urbanos e modernos, trazendo produtos de maquiagem, como sombras, batons, blushes e itens multifuncionais, pensados para serem usados por todo mundo, independentemente do gênero. Faces No Gender é para todo mundo e acompanha a tendência mundial - o genderless ou agender – que se vê refletida cada vez mais na indústria da beleza e da moda e que tem entre os jovens seus principais adeptos. A fragrância com notas cítricas e de especiarias é perfeita para o dia a dia e para quem busca a liberdade de viver do seu jeito. Sem rótulos e sem regras.

Referência mundial no desenvolvimento de artigos esportivos, a Diadora lança, junto do seu mix do Inverno 2018, uma novidade que vai trazer conforto extra para o público infantil – um tênis (foto) que promete acompanhar os pequenos dos momentos casuais às brincadeiras e atividades físicas... ................................................................. No dia 30 de maio (véspera de feriado), em mais um evento com assinatura da CDR Entretenimento, Ragazzo Produções e AS Produções, as bandas Mastruz com Leite, Magníficos, Limão com Mel e a cantora Eliane, subirão ao palco montado no estacionamento do Parque Shopping, onde o público poderá conferir como as atrações conseguiram fazer o sucesso do estilo, atravessar gerações... ................................................................. Na última sexta, a Filarmônica de Alagoas lançou a Série Mundo com um concerto diferente: trilhas sonoras de grandes clássicos do cinema... ......................................................... Até 13/05 o grupo Inventiveiras leva ao Maceió Shopping oficinas gratuitas com as tipologias de hand made. Lideradas por Solange Arruda e Petrúcia Lopes, a central de negócios é formada predominantemente de mulheres, que são criativas e arrojadas... ........................................................

A polivalente colunista social e assessora de comunicação política, Elaine Rafaella (foto) – Rafafá para os íntimos – é a aniversariante mais paparicada deste sábado... ................................................. A IMM Esporte e Entretenimento, de Alan Adler – que detém marcas como Cirque du Soleil, Rio Open, UFC, Festeja Brasil, Taste of São Paulo, Rock in Rio, além de grandes musicais como Cantando na Chuva e Pequena Sereia – tornou-se sócia da Inbrands no SPFW. A operação foi fechada recentemente e prevê a cogestão do negócio... ................................................................ Iara Siriguela (foto): participante do Batalha dos Confeiteiros, da Rede Record, esteve em Maceió para comemorar o Dia do Cake Designer, a convite da Aleplast, de Alex e Hilana Pessoa... ...................................................... No dia 01 de maio, a Capela dos Milagres, em São Miguel dos Milagres, realizou o segundo casamento comunitário para moradores da região. O local é o mesmo onde os casais de youtubers Whinderson Nunes e Luiza Sonsa e a influencer Helena Lunardelli e o empresário Eduardo Azevedo trocaram alianças recentemente... ................................................................................ Uliana Ferreira (foto) Master Coaching Trainer foi o centro dos holofotes no Happy Hour Coach, um evento com muita música, petiscos e chopps, alinhado ao universo Coach, para conhecer suas ferramentas e como utiliza-las em diversas área de atuação, tudo de uma forma descontraída e irreverente – com assinatura da Brascoaching... Considerada uma das maiores fabricantes de móveis planejados da América Latina, a Todeschini ganhou destaque no mercado pelos complementos de alto padrão para ambientes, direcionados à residências, empresas e hotelaria. Este ano a marca comemora seus 79 anos de trajetória com mais de 150 lojas no Brasil e no exterior. A mais nova delas, aliás, abre as portas brevemente em Maceió.

2MKT SHOW:

O Trakto Marketing Show está em sua segunda edição. Empreendedores, profissionais e formadores de opinião de todo o Brasil se reunirão em busca de novos conhecimentos e mais networking durante os dias 31 de maio, 01 e 02 de junho, das 13h às 22h. Maceió e seu histórico bairro de Jaraguá serão palco de palestras, workshops e painéis de discussão que irão abordar os temas de empreendedorismo, inovação, marketing, vendas e muito mais. A coluna conversou com Paulo Tenório (foto) para saber mais detalhes. Como resolveu empreender nessa área? Sempre com o intuito de impulsionar o empreendedorismo. Nos dias 31 de maio, 01 e 02 de junho estaremos realizando o Trakto Marketing Show, que já se tornou o maior treinamento em marketing digital e vendas do Nordeste. Até o evento estaremos realizando uma série de bate-papos que irá contribuir ainda mais para o mundo do empreendedorismo alagoano. Queremos incentivar as pessoas a iniciarem seu negócio, melhorar o que já tem e crescer em um mercado cada vez mais competitivo, com ideias novas e compartilhando da experiência de quem vive no mundo dos negócios e venceu por mérito. Quais os palestrantes já confirmados? Entre os palestrantes Thái Quang Nghiã, Fundador da Goóc EcoSandal; Arri Coser, da Fogo de Chão e conselho MDR; Thiago Oliveira, Luciano Larrossa, Fundador da I.S. Logística, Tony Ventura, Sandro Magaldi, Fundador do MeuSucesso.com, Fernando Mattoso da Oracle, Gustavo Cerbasi, Fábio Seixas CEO da Taylor, Júnior Souza, João Kepler e Davi Braga. Só para citar alguns. Além de cases de sucesso alagoanos e talk shows com influenciadores digitais. Dê algum exemplo: A fundadora da OnSchool Escola de Redes Sociais para Negócios, Keyla Gabrielle, fará uma troca de experiências importante, já que vamos falar de mulheres que saíram da sua zona de conforto, deixaram seus medos de lado e puderam revelar seus ‘super poderes’, seja como empreendedora, como mãe, ou como mulher. Quem quiser saber como trabalhar melhor seu conteúdo nas redes sociais, este é um excelente momento. Vamos levar esse bate papo, de forma descontraída para dar dicas e falar desse mundo tão vasto. E como as redes sociais entram no evento? Nos últimos cinco anos, as redes sociais se tornaram verdadeiras vitrines para quem quer divulgar algo, vender seus produtos ou até mesmo criar reputação. A visibilidade gerada, o acesso fácil e a aproximação com o público são armas que tornam esse meio tão potente. Foi também por meio delas que muitas mulheres encontraram uma forma de empreender, principalmente as que já eram mães e viviam no conflito entre trabalhar e tomar conta dos filhos. Também entregaremos o troféu Me dê um like para os influenciadores que mais se destacaram.


4 | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018

CAPA

| Tribuna Independente

TALK COM O GASTRO

FERNANDO GOMES DE BARROS COSTA ALERTA “NOSSO ESTILO DE VIDA IMEDIATISTA É O RESPONSÁVEL POR MUITOS MALES. PRECISAMOS TER UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL” TEXTO ZENITA ALMEIDA EDIÇÃO JAMES SILVER FOTOS BÁRBARA ACIOLY

O jovem médico – graduado pela ECMAL/UNCISAL, em 2008 – Fernando Gomes de Barros Costa recebeu nossa equipe para uma entrevista sobre como o estilo de vida ocidental tem gerado uma epidemia de obesidade, que leva à doença do refluxo gastro-esofágico e esteatose hepática, por exemplo. Dentre outros assuntos. Com residência em Gastroenterologia (2014) e doutorado em Ciências em Gastroenterologia pela Universidade de São Paulo (2016), ele atualmente é professor adjunto de Gastroenterologia da Ufal e do CESMAC. Com todos esses anos em São Paulo – centro dos melhores hospitais e clínicas equipadas com os mais modernos equipamentos facilitando os mais variados diagnósticos – o que o fez retornar para Maceió? Sou maceioense e amo minha terra. Em 2009, após ter trabalhado seis meses no interior alagoano, percebi que precisava aprimorar meus conhecimentos para tentar modificar um pouco a nossa realidade médica. Fui á busca da melhor formação médica que poderia ter no Brasil. Apesar de gostar muito de São Paulo, Alagoas nunca saiu do meu coração e quando surgiu o concurso na UFAL, justamente no momento do término do meu doutorado, sabia que a hora de retornar á casa tinha chegado. Há dois anos uma amiga estava com o sobrinho hospitalizado num hospital de referência aqui em Maceió, precisou de um exame, e este por falta de equipamento, só poderia ser feito em São Paulo. Como médico, vindo de um grande centro como vê essa discrepância? É uma situação complicada, mas não perco as esperanças, pois vejo que há uma tentativa de mudança tanto no setor privado quanto estadual para melhorar a assistência à saúde. Por exemplo, hoje já dispomos de Ecoendoscopia em Maceió, que é um ultrassom por endoscopia. Neste exame, conseguimos tanto fazer avaliação mais detalhada de lesões do pâncreas e da parede do estômago, que a tomografia, por exemplo. Além de permitir a coleta de biópsias. Como vê a medicina em Alagoas? O que faz um usuário procurar um médico e só ter sua consulta marcada para 30 ou 60 dias? Infelizmente, este problema de marcação de consultas no setor de convênios não é algo restrito à Alagoas. A ANS, agência nacional de saúde suplementar, exige


Tribuna Independente | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018

|5

CAPA

que uma consulta básica tenha um prazo máximo de sete dias úteis e de especialidades 14 dias úteis (mais informações: http://www.ans.gov.br/ planos-de-saude-e-operadoras/espaco-do-consumidor/1251-periodo-de-utilizacao-do-plano-e-prazos-maximos-de-atendimento). Se o convênio não providenciar, você pode realizar uma reclamação formal na ANS, por meios eletrônicos, telefone e postal. Hoje já se tornou comum entre as pessoas doenças gástricas como o refluxo, esofagite e gastrite. A que atribui isso? Sem dúvida, nosso estilo de vida moderno imediatista é o responsável por muitos dos nossos males. Precisamos ter uma vida saudável, o que inclui: exercícios rotineiros, sono reparador, comer comida de verdade e passar mais com a família. Todos nós sabemos dos benefícios destas atitudes, mas colocá-los em prática nos exige disciplina e perseverança. Um fruto do estilo de vida ocidental é a epidemia de obesidade, que leva à doença do refluxo gastro-esofágico e esteatose hepática, por exemplo. Já a gastrite tem como principais causas o Helicobacterpylorie uso de anti-inflamatórios não esteroidais. Das doenças gástricas qual a mais constante em seus pacientes? Nosso dia-a-dia é a dispepsia e o refluxo gastro-esofágico. Dispepsia é um diagnóstico sindrômico, conjunto de sintomas e sinais, que vêm do grego alteração da digestão. Sua principal causa é a dispepsia funcional, ou famosa gastrite nervosa, seguida de gastrite por Helicobacterpylorie gastropatiaanti-inflamatórios não esteroidais. O tratamento envolve desde modificações no estilo de vida ao uso de medicamentos como inibidores da bomba de prótons (omeprazol e seus primos), procinéticos (domperidona e bromoprida) e até antidepressivos. Hoje a mídia e as redes sociais oferecem orientações distorcidas sobre o consumo de alimentos. Qual o seu conselho sobre o assunto? Comer fruta e verdura, comida de verdade, nas porções adequadas não fará mal. Algumas raras exceções pouco conhecidas: se você tiver insuficiência renal crônica, evite o consumo de carambola, pois tem neurotoxina que pode levar ao óbito apenas neste grupo específico de pacientes; ou se você tem síndrome do intestino irritável, preste atenção em qual consumo de frutas e verduras aumenta a produção de gás (feijão, couve-flor, maçã, pera, melancia, entre outras), objetivando diminuir seu consumo. Idealmente, converse com seu médico e nutricionista para retirar suas dúvidas, pois muitas fontes não confiáveis existem na internet.


6 | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018

| Tribuna Independente

BEAUTY

Mãe, PRESENTE!

CONTAGEM REGRESSIVA PARA OM DIA DAS MÃES: MONTE A NÉCESSAIRE IDEAL E ACERTE NO PRESENTE. COM AS MARCAS E PRODUTOS CERTOS PARA CADA ESTILO, A SUGERIMOS ITENS E KITS PARA DIFERENTES PERFIS EDIÇÃO JAMES SILVER FOTOS DIVULGAÇÃO

BÁSICA

Para quem usa pouca maquiagem no dia a dia é importante ter uma pele sempre bem cuidada! O protetor solar facial cumpre essa função, protegendo a pele de raios UVA e UVB. Os desodorantes aerossol e roll-on para levar na bolsa. Para finalizar, o esmalte renda, que é perfeito para mães de estilo básico, mas sempre alinhado.

ESPORTIVA

A prática frequente de esportes pode, eventualmente, danificar as unhas. Para prevenir que isso aconteça, a base fortalecedora e o sérum reparador são a pedida certa! Com ação antitranspirante, o desodorante possui cápsulas de refrescância que são ativadas com o movimento, ou seja, ideal para quem pratica esportes. Por fim, o hidratante Firmador ajuda a manter a pele firme nutre até a segunda camada.

Desodorante Invisível Antitranspirante – R$ 8,99 (aerossol) e R$ 5,99 (roll-on) – Monange

Desodorante Climacool (R$ 8,38) Adidas

Protetor solar facial FPS 70 (R$ 39,99) Cenoura & Bronze

VAIDOSA

Esmaltes e batons são perfeitos para presentear mães vaidosas. Já o Retoque Raiz também é pedida certeira para as mães que querem se livrar dos cabelos brancos em apenas 10 minutos. Se ela gosta de estar sempre bronzeada, a sugestão é o protetor que bronzeia. Para finalizar, nada como hidratar a pele a ainda ficar cheirosa.

Esmalte 5free e batom matte (R$ 28,00) Vult

Estojo Elysée Nuit Mães (R$ 289,00) O Boticário com Eau de Parfum, Creme Acetinado Hidratante Des. Corporal, Elixir Perfumado para Cabelo e Porta Joias

Esmalte Novo Renda (R$ 3,90) Risqué

Hialuderme 40+ (R$ 169,65) Bel Col Cosméticos é um hidratante e antiage especialmente desenvolvido para as peles acima dos 40 anos

Gel Creme Desodorante para Pernas e Pés Ekos Andiroba (R$ 54,00 100g) Natura é ideal para uma massagem relaxante. Alivia a sensação de cansaço das pernas e pés e, junto com a massagem, contribui para redução do inchaço da região, também hidratando a pele e deixando-a macia

Mousse de Banho Puro Algodão (R$39,99) Eudora com fórmula ultra cremosa limpa suavemente, removendo as impurezas da pele e cuida sem ressecar, potencializando a hidratação após o banho

As máscaras intensivas SOS Hydra, SOS Pure e SOS Comfort (R$ 169,00 cada) Clarins são soluções direcionadas para o resgate da beleza de cada tipo de pele

Hialuderme Air (R$ 195,67) Bel Col Cosméticos é uma máscara facial hidratante e antiage, que promove hidratação de alto impacto devido a presença do ácido hialurônico biotecnológico e do biopolímero vegetal que tem capacidade de formar um filme flexível e reter a água no interior da epiderme pele


ependente

Tribuna Independente | Maceió - Domingo, 06 de Maio de 2018

zik

|7

zenitaalmeida@gmail.com

BRILHE!

Glamour Just Shine, o mais recente lançamento da perfumaria feminina de O Boticário, traz dois ingredientes para lá de especiais: a magnólia (uma das únicas flores brancas que irradiam seu aroma sob a luz do sol) e raros cristais de sal. O resultado é uma fragrância brilhante, com uma saída fresca, mas que ao longo do tempo explode em sensualidade. A criação é assinada pelo renomado perfumista brasileiro Adilson Rato.

VACINAÇÃO

Até o dia 01 de junho, o Maceió Shopping conta com um posto volante de vacinação contra a Influenza, com equipes da Secretaria Municipal de Saúde. Localizado em frente à loja Le Biscuit, o atendimento está disponível de segunda a sábado, no horário de 10 até 21h, e aos domingos, de 14 até 20h. Livre-se da H1N1 que está literalmente assassina. Corre lá para se vacinar.

SURPRESA

Para o Dia das Mães, o Shopping Pátio Maceió preparou para seus clientes uma inédita e encantadora promoção. A campanha tem como título ‘Caixa Premiada’ e consiste na distribuição de prêmios, descontos e vales-compras de até R$ 400,00. Para participar, é necessário que o consumidor realize, até o dia 13 de maio, compras a partir de R$ 250,00 nas lojas do Shopping. Após a apresentação da nota fiscal, no balcão de trocas da promoção, o cliente ganhará um voucher que dá direito a brincar na ‘Caixa Premiada’, instalada na Praça Central de Eventos, e retirar um brinde.

OCULUM

Referência no mercado óptico do Nordeste há 20 anos, a Oculum inaugurou esta semana sua primeira loja em Maceió, no Parque Shopping. Com sede em Recife, a rede, que possui 14 lojas físicas nos estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Paraíba e Bahia Agora, aposta em Alagoas como mais um mercado estratégico para seu plano de expansão.São mais de 2,5 mil modelos de óculos em estoque, de mais de 40 marcas famosas.

INVENTIVEIRAS

Iniciando a programação para o mês das mães, o Maceió Shopping recebe na praça central, até o dia 13 de maio, as Inventiveiras. A exposição que conta a história de Alagoas de mão em mão, realizada em parceria com o Sebrae, a mostra apresenta peças de artesanato nos segmentos de moda casa, vestuário, decoração e tem como objetivo incentivar a valorização do artesanato local, proporcionando maior competitividade dos artesãos junto ao mercado.

Os advogados Juliano Pessoa e Vagner Paes dividindo impressões sobre fotografia tendo ao lado uma das obras de Juliano

CAMPANHA

O Arapiraca Garden Shopping deu início á campanha “Mãe merece tudo de bom”, que ficará disponível até 13 de maio. Nela, a cada R$250 em compras, o visitante será presenteado com um sofisticado difusor aromático da Avatim, uma das mais admiradas perfumarias do país. Além de presentar as mães com os difusores, que estão disponíveis em três opções de fragrâncias, também retribuir o cuidado das mães com a família, proporcionando a elas momentos de bem-estar com serviços gratuitos no ponto de troca montado especialmente para a ocasião.

KOTAKU

A cultura dos países asiáticos e a diversão dos grupos K-pop vão ganhar até hoje (domingo) um evento inédito no Parque Shopping. O festival Kotaku reunirá no piso L1, em frente à praça de eventos diversos, elementos desse universo, como músicas, danças, karaokê, jogos eletrônicos e de cartas. Vai contar ainda com o show da banda de J-rock ‘Ikari’ e a apresentação dos grupos Alshat e SeeYa, covers completos de música pop sul coreana. E aqueles que sempre quiseram aprender a dançar ritmos orientais, poderão participar de um workshop sobre o J-pop e o K-pop.

CANECAS

Pelo quarto ano consecutivo, a promoção que dá a famosa caneca do OutbackSteakhouse está de volta com uma novidade imperdível para quem quer torcer em grande estilo. Nessa edição, os clientes poderão ganhar e colecionar o ícone em três cores: verde, amarelo e azul. Para ganhar, basta comprar uma SuperWings (15 sobreasas de frango empanadas) + dois Chopp Brahma 340ml. O combo dá direito a uma caneca colorida da marca na hora. A promoção é válida em todos os restaurantes brasileiros da rede de até o dia 31/05.

Se dividindo entre o colunismo social, a direção do site Giro 101 e assessoria de comunicação política, a querida Elaine Rafaella – Rafafá, festejou idade nova neste sábado, 05

BODISATIVA

Criada há 30 anos com o objetivo de ser a primeira publicação brasileira dedicada a falar sobre a prática de meditação e a apresentar um olhar budista de transformação da realidade, a revista Bodisatva, editada nacionalmente pelo Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), contará com o lançamento em Maceió de sua edição nº 29. Para celebrar a nova fase da publicação, que traz agora novo projeto gráfico, novas seções, mais páginas e impressão inteira a cores. O evento é aberto ao público.

BURGER FEST

Depois do sucesso da sua primeira edição, o Burger Fest, que ficou conhecido como o único e inusitado festival de hambúrguer de Maceió, agora ganha mais uma edição especial e cheia de novidades, no O Quintal Food Park, no bairro da Ponta Verde.Com entrada gratuita, a ideia é que cada operação, entre foodtrucks, containers e foodbikes surpreendam os visitantes e consumidores com suas criativas receitas de hambúrgueres.

MANEGEMENT

Você tem poucos dias para garantir uma vaga no maior evento de Gestão Empresarial do Norte-Nordeste com descontos na inscrição, seja você estudante (graduação e pós-graduação), profissional ou empresário que queira levar sua equipe para um super treinamento com os maiores especialistas do país, tudo isso no Centro de Convenções de Maceió.


Edição número 3138 - 5 e 6 de maio de 2018  

tribunaindependenteediçãodigitaltribunahoje

Edição número 3138 - 5 e 6 de maio de 2018  

tribunaindependenteediçãodigitaltribunahoje

Advertisement