__MAIN_TEXT__

Page 1

tribunadovale.com.br

www.

TERÇA-FEIRA

R$ 1,50

25

Ano XXV - EDIÇÃO - Nº 4211 - 08 DE DEZEMBRO DE 2020 Diretor: BENEDITO FRANCISQUINI

Anos

PROFESSORES

MPPR pede suspensão de PSS O Ministério Público do Paraná (MPPR), por meio da Promotoria de Justiça de Proteção à Saúde Pública de Curitiba, ajuizou ação civil pública contra o Estado do Paraná buscando a suspensão do processo seletivo simplificado (PSS) para contratação de professores da rede pública de ensino, bem como da consulta à comunidade escolar

para escolha dos diretores de escolas da rede estadual de educação. A ação foi proposta ontem, 7, e tramita n a 2 ª Va r a d a F a zenda Pública da c a p i t a l . A n t e r i o rmente à proposição judicial, a Promotoria de Justiça havia expedido, em 2 de dezembro, recomendação administrativa buscando a suspensão dos dois processos.

 PÁG. A5

PREVENÇÃO

Ponte Pênsil foi alvo de incêndio criminoso, aponta perícia técnica

PERÍCIA

Incêndio que destruiu ponte pênsil Alves de Lima foi criminoso  PÁG. A6

Fotografe o QR code ao lado

PÁG. A4 e acesse a página do site do

seu jornal TRIBUNA DO VALE

TEMPOHOJE Santo Antônio da Platina / PR

Máx 37º Mín 21º

Polícia Militar inicia Operação Natal e reforça presença nas ruas

VENDAS ASSINATURAS (43) 3534.4114

 PÁG. A8

Envie Pautas, Fotos Sugestões e Vídeos para o whatsapp da PÁG. A5DO VALE TRIBUNA (43) 3534-4114

POR UMA PRÁTICA SUSTENTÁVEL RECICLE. PASSE ESTE JORNAL


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-2

Opinião. A RTIGO

Industrialização: será que perdemos o bonde da história? Sou paulistano de nascimento, mas cresci, estudei, me formei, me casei e tive duas maravilhosas filhas no ABC Paulista. Berço da industrialização no Brasil, principalmente representado pelas indústrias automotivas, hoje o ABC já não tem a pujança industrial do passado. Sem querer ser saudosista, mas é perceptível, em certos aspectos, o enfraquecimento econômico da região. Isso fica mais latente quando obser vado por mim, um ex-morador do local, há quase dezessete anos morando em Curitiba – PR e longe da região do ABC paulista - essa percepção fica ainda mais aguçada.

No início dos anos 2000, ainda morando no ABC, escrevi um pequeno texto na coluna do leitor de um jornal local a respeito da expressiva quantidade de empresas que estavam deixando a região. Algumas, sendo transferidas para outras regiões do estado ou do país, o que de certa forma seria benéfico para a economia local a absorção dessas companhias e outras simplesmente encerrando suas operações. Essa segunda condição também ocorreu e vem ocorrendo em outras localidades do Brasil, além do ABC paulista. Não sou economista, mas trabalhei por mais de

37 anos em grandes empresas do setor industrial, em diversas posições e cargos, portanto essa experiência e conhecimento acumulado permitem sustentar minhas percepções. A indústria, por gerar atividades mais complexas, geralmente paga melhores salários, o que gera uma reação em cadeia nos setores de serviço e comércio, que automaticamente passam a oferecer melhor renumeração. A participação da indústria no PIB nacional despencou para o menor valor desde o início da série histórica do IBGE, em 1947, fechando o ano de 2019 em 11%. Quando se compara o valor agregado de um

produto agrícola com um produto manufaturado de média complexidade, por exemplo, a diferença para mais é bem considerável, em relação ao produto industrializado. Países que optaram por uma estratégia baseada em um processo de desenvolvimento industrial, como a Coréia do Sul e a China, por exemplo, estão proporcionando uma melhor qualidade de vida aos seus habitantes. Muitos podem até questionar: mas alguns países desenvolvidos não estão gradativamente alternando a participação no PIB da indústria para o setor de serviços? Teoricamente sim, mas esses países já

passaram por processo de industrialização robusto e de consequente aprendizado tecnológico, que hoje lhes permitem atuar em serviços de alta complexidade. Entendo que o Brasil, ainda está muito longe de ter alcançado esse estágio de desenvolvimento industrial e de uma forma geral, a maioria dos serviços gerados pela nossa economia ainda se baseia em atividades de baixa complexidade. Não podemos e não devemos copiar americanos, europeus, japoneses, sul-coreanos ou chineses, mas sim, adaptar as melhores práticas desses países a nossa economia. Já provamos ao mundo

nossa competência no agronegócio e temos, sim, algumas indústrias nacionais de excelência que competem palmo a palmo com grandes companhias ao redor do mundo. Tem uma frase atribuída a Peter Drucker, considerado o pai da Administração Moderna, que diz o seguinte: “Não existem países subdesenvolvidos. Existem países sub-administrados”. Acredito que chegou o momento de mostrar a todos nós brasileiros e ao mundo, que essa frase não se aplica ao Brasil. Roberto Pansonato é tutor do curso de Logística do Centro Universitário Internacional Uninter.

A RTIGO

A Agenda Global agradece Joe Biden Diversidade. Essa é a palavra que traduz as primeiras nomeações reveladas pela equipe de transição do presidente eleito dos Estados Unidos, o democrata Joe Biden. Na contramão do governo anterior, caracterizado por medidas conservadoras e pouco amistosas com a agenda global, Biden está construindo uma equipe diversa, tanto em questão de raça quanto de nacionalidade e gênero. O destaque vai para a no-

meação de Avril Haines, primeira mulher a comandar a Inteligência Nacional, e para Alejandro Mayorkas, um imigrante cubano como secretário de Segurança Interna dos Estados Unidos. Além disso, na presidência, Biden terá a seu lado Kamala Harris, a primeira mulher nesta posição, formando uma chapa que acena para minorias. A vice-presidente é negra e filha de uma indiana e um jamaicano.

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Tv Editora e Gráfica Eireli CNPJ 28.454.259/0001-21 Matriz: Rua Major Infante Vieira, 36 - Vila São José Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43-3534.4114 Vendas Assinatura Anual R$ 150,00 Semestral R$100,00

Como já era esperado pelas suas propostas de campanha, o presidente eleito caminha de mãos dadas com a Agenda Global e com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Se as nomeações que citei anteriormente foram um incentivo aos ODS de Igualdade de Gênero e Redução das Desigualdades, a escolha por John Kerry, ex-secretário de Estado de Obama, como enviado especial para o clima, sela a paz do novo

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale1@gmail.com tribunadovale@uol.com.br

Diagramação Priscila Simões Impressão e Fotolito EDITORA TRIBUNA DO VALE Fone/Fax: 43-3534.4114

governo com o reconhecimento da Mudança Global Climática. Além de contribuir com a Agenda, o foco em uma política de descarbonização no país pode gerar novas oportunidades de negócios e aproximar os Estados Unidos do mercado europeu. Outro benefício é a grande pressão que essas ações irão exercer mundialmente, em especial em suas relações com o Brasil. Biden inaugura uma nova

Projeto Gráfico Nilton Magalhães JMB COMUNICAÇÃO Fone: 61-3544.1107 | Fone: 61-99300.9675 Circulação: Abatiá | Andirá | Arapoti | Bandeirantes | Barra do Jacaré |Cambará Carlópolis | Conselheiro Mairink | Figueira | Guapirama | Ibaiti Itambaracá | Jaboti | Jacarezinho Jaguariaíva | Japira | Joaquim Távora Jundiaí do Sul | Pinhalão | Quatiguá | Ribeirão Claro Ribeirão do Pinhal | Salto do Itararé |Santana do Itararé Santo Antônio da Platina | São José da Boa Vista | Sengés Siqueira Campos | Tomazina Wenceslau Bráz.

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.

fase para os americanos e para o mundo, algo que se assemelha à um novo iluminismo, que consagra a escolha pela ciência frente às crendices do governo anterior, e que privilegia a experiência profissional na gestão pública frente aos favorecimentos eleitorais. O novo presidente promete “humanizar” as relações internacionais e tentar consertar os irreparáveis erros cometidos nas áreas de imigração pelo governo Trump.

O recado de Joe Biden é claro: seu governo é o fim da política segregacionista, xenofóbica, negacionista e conservadora que muitos líderes mundiais tentam impor aos seus compatriotas. A Agenda Global agradece. *Norman Arruda Filho é Presidente do ISAE Escola de Negócios e Membro do Comitê Brasileiro do Pacto Global das Nações Unidas.


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-03

Política. COLUNA CHUMBO GORDO Carlos Brickmann A LEI DAS LEIS, ORA A LEI DAS LEIS Uma frase é atribuída a Getúlio Vargas, ex-ditador, ex-presidente: “A lei, ora a lei!” Outra, bem mais antiga, cuja autoria não consegui identificar: “As leis foram feitas para ser quebradas”. Mas não se cometa contra o Supremo a injustiça de, por autorizar uma penca de reeleições para os comandos do Legislativo, acusá-lo de violar a lei. Nada disso: atingida foi a Lei das Leis, a Constituição, indo-se contra um texto absolutamente claro. Para que se tenha uma ideia, o general Hamilton Mourão, que entende tanto de Direito quanto o general Pazuello entende de Saúde, defende o STF, “por ter arbítrio para isso”. E o professor Ives Gandra Martins, um dos papas do Direito neste país, é contra (leia a opinião de Gandra em https://go.shr.lc/2IhrcdU).

E não perca tempo lendo a opinião de Mourão: nem Bolsonaro seria tão raso. Diz a Constituição, art. 57, § 4, que o mandato dos membros das mesas da Câmara e do Senado é de dois anos, “vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição imediatamente subsequente”. Bem, Maia já está no terceiro mandato e David Alcolumbre quer a recondução. A votação do Supremo não acabou, pode ir até o dia 14, mas dos 11 ministros quatro toparam a reeleição de ambos e um autoriza só a reeleição de Alcolumbre. Não que trocar alguém seja bom, em si: um dos candidatos à sucessão de Maia é Arthur Lira, do PP alagoano, um dos chefões do Centrão, bloco político de fama controvertida. Já o Supremo, no mínimo, declarou a Constituição inconstitucional.

O mundo… O Reino Unido anunciou que, já nesta semana, iniciará a vacinação em massa – inicialmente com as vacinas produzidas pela americana Pfizer e a alemã BioNtech. A vacina produzida na Inglaterra pelo Imperial College de Oxford e os laboratórios AstraZeneca está quase pronta, mas até lá usarão a que está disponível. Outros países da União Europeia e Israel, todos com a vacina Pfizer/BioNtech, estão à beira do anúncio oficial. …e o Brasil Aqui há problemas, ainda. O principal é obter a aprovação da Anvisa ou de entidades internacionais. É preciso mandar à Anvisa todos os estudos e o balanço dos testes. A Coronavac é uma vacina tradicional, conservada em geladeira, de uso mais simples. Já há em São Paulo cerca de um milhão de doses. Mas, assim que for aprovada, teremos problemas bem brasileiros. Por exemplo, ninguém do Governo conversa com a indústria de seringas desde setembro. Será preciso ter agulhas e luvas de borracha e não há notícias de que algo tenha sido providenciado. Treinamento e infraestrutura não fazem parte do problema: nossa rede de vacinação é excelente. Falta o material. Obedecendo! O general Pazuello foi nomeado ministro da Saúde por ser especialista em Logística. OK – mas é isso que está faltando no Ministério, além de uma política nacional de vacinação. O general se notabilizou por mandar servir cloroquina aos atingidos pela Covid e por ter, depois de prometer aos governadores comprar 46 milhões de vacinas do Instituto Butantan, voltar atrás por ordem de Bolsonaro, que gostaria de evitar medicamentos chineses. Não conseguirá, pois sem incluir os chineses não haverá vacinas suficientes para imunizar uma parte substancial da população. E, enquanto o Governo hesita, ainda não fechou a compra de vacinas da Pfizer. A cada dia que passa a quantidade disponível de vacinas (um bilhão de doses no primeiro ano) se reduz. Israel já teve dificuldades para conseguir oito milhões. A Rússia foi ignorada até agora. Corremos o risco de não vacinar por falta de vacinas. Crise anunciada 1 O Instituto Butantan estará produzindo Coronavac em janeiro; o Oswaldo Cruz promete, em janeiro, 30 milhões de doses da vacina inglesa de Oxford. Mas o Governo quer iniciar a vacinação só em março. Se o governador Doria, sem apoio federal, resolver agir sozinho, haverá crise. Seria triste ver a boa estrutura brasileira de vacinação fora de um programa de emergência.

JACAREZINHO

Palhares anuncia secretários de Saúde e Assistência Social

João Lucas Thabet Venturini comandará a pasta da Saúde, enquanto Assistência Social ficará sob responsabilidade de Nelson Cardoso Da Assessoria

O prefeito eleito de Jacarezinho, Marcelo Palhares (PSD), anunciou na sexta-feira (04) os nomes dos secretários municipais da Saúde e da Assistência Social para sua gestão, que começa em 1º de janeiro de 2021. As pastas são duas das mais importantes pelo atendimento direto à população e a escolha antecipada garante um planejamento completo para o início do novo mandato. A secretaria municipal de Saúde será comandada por João Lucas Thabet Venturini. Já a secretaria municipal de Assistência Social terá como responsável Nelson Cardoso. Os dois possuem amplo conhecimento teórico e prático nas áreas e vão de encontro à promessa de Marcelo Palhares em fazer escolhas técnicas para as secretarias. “Durante nossa campanha a única aliança que firmamos foi com a população. Então agora temos liberdade de fazer escolhas técnicas para todas as secretarias e já come-

çar o planejamento para 2021, que será um ano de grandes desafios em todas as áreas, principalmente pelas consequências causadas pela pandemia”, avalia o prefeito eleito de Jacarezinho. “As escolhas do João Lucas e do Nelson são extremamente técnicas. São duas pessoas que inspiram confiança, pela competência e honestidade, e que sem dúvida vão realizar um trabalho de excelência nessas secretarias são de grande importância para a comunidade”, continua Marcelo Palhares. João Lucas Thabet Venturini já ocupou o cargo de secretário municipal de Saúde em Jacarezinho (onde também já foi secretário de Administração) e em Cambará e tem um perfil gestor, de muito conhecimento técnico sobre a área. Já Nelson Cardoso é nome conhe ci do no meio social em Jacarezinho por vasta atuação na área. Atual presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), foi respon-

Palhares e futuro secretário de Saúde, João Lucas durante encontro na semana passada

sável pela implantação do programa Geladeira Solidária no município e também é um dos dire-

tores da Casa de Apoio, conhecendo a fundo todos os desafios que a pasta enfrentará.

TRIBUNAL DE CONTAS

Japira fez despesa indevida nos doisquadrimestres finais de 2016 Assessoria

O Tribunal de Contas d o E s t a d o d o Pa r a n á (TCE-PR) emitiu Parecer Prévio pela desaprovação das contas de José Cláudio de Oliveira Santos, que exerceu o cargo de p re f e i to d o M u n i c í p i o de Japira (Norte Pioneiro) entre 29 de abril e 31 de dezembro 2016. Wilson Ronaldo Rony de Oliveira Santos, prefeito eleito para o mandato 2013-2016, que em 2016 ocupou o cargo apenas entre 1º de janeiro e 28 de abril, recebeu parecer p e l a re g u l a r i d a d e d a s contas relativas àquele período. As contas sob responsabilidade de José C l á u d i o a p re s e n t a r a m duas irregularidades. A primeira se refere à realização de despesas nos últimos dois quadrimestres do mandato que tinham parcelas a serem pagas no exercício seguinte, sem disponibilidade de caixa para saldá-las, contrariando critérios fixados

no Prejulgado nº 15 do TCE-PR. Além da falha em relação a restos a pagar, os conselheiros também voltaram pela irregularidade em razão da divergência entre os dados do Balanço Patrimonial emitido pela contabil i d a d e m u n i c i pa l e o s enviados ao Sistema de Informações Municipais - Acompanhamento Municipal (SIM-AM) do Tribunal. Os membros da Primeira Câmara da Corte também ressalvaram as despesas com publicidade institucional realizadas no período que antecedeu as eleições; e o envio com atraso de dados do SIM-AM. Os gestores à época atrasaram a entrega de todos os módulos do exercício de 2016, com a demora chegando a 117 dias. A Coordenadoria de Gestão Municipal (CGM) do TCE-PR e o Ministério Público de Contas (MPC-PR) se manifestaram pela emissão de parecer propondo a desaprova-

ção das contas do município no período a partir de 29 de abril. O relator do processo, conselheiro Fabio Camargo, concordou com a instrução da unidade técnica e o parecer ministerial. Os demais membros da Primeira Câmara acompanharam o voto do relator, por unanimidade, na sessão plenária virtual nº 23, concluída em 19 de novembro. Cabe recurso contra a decisão expressa no Acórdão de Parecer Prévio nº 651/20 - Primeira Câmara, veiculado em 26 de novembro, na edição nº 2.431 do Diário Eletrônico do TCE-PR (DETC). A p ó s o t r â n s i to e m julgado do processo, o Parecer Prévio do TCE-PR será encaminhado à Câmara Municipal de Japira. A legislação dete r m i n a q u e c a b e a o s vereadores o julgamento das contas do chefe do Poder Executivo municipal. Para desconsiderar o juízo técnico do Tr i b u n a l e x p r e s s o n o parecer, são necessários

d o i s te rç o s d o s v o to s dos parlamentares. Manual Com o objetivo de orientar os prefeitos dos 399 municípios paranaenses, que estão encerrando suas atuais gestões em 2020, para que não incorram, por exemplo, nos mesmos erros cometidos pela administração municipal de Japira em 2016, em relação a restos a pagar, o TCE-PR lançou, em janeiro, seu Manual de Encerramento de Mandato. O documento está disponível no site da corte de contas paranaense. Os tópicos abordados são: gastos com pessoal; dívida pública; restos a pagar; publicidade institucional; transferências voluntárias; vedações em ano eleitoral; e remuneração dos agentes políticos. O manual conta ainda com um resumo cronológico dos prazos relativos às proibições a que os prefeitos devem estar atentos ao longo do último ano de mandato.


Geral.

TERÇA-EIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-4

JACAREZINHO

Moradores voltam a reivindicar melhorias em acessos da BR-153

Mais uma morte no perímetro urbano de Jacarezinho, desta vez no trevo da Vila Rosa, gera série de protestos em redes sociais Da Redação

Moradores de Jacarezinho voltaram a usar redes sociais para reivindicar melhorias nos acessos da cidade via BR-153, após mais um acidente fatal em um dos trevos da rodovia. Foram inúmeras as postagens e comentários cobrando mais segurança no perímetro urbano do município. Já ontem(07) a reportagem da Tribuna do Vale foi procurada pelo mesmo motivo. De acordo com o comerciante Jessé Rodrigues, morador do Jardim São Luiz (bairro às margens da BR-153), os pedidos por melhorias vêm de anos. “Aqui já pedimos para vereador, prefeito, DNIT, Econorte, todo mundo, e o problema continua. Existem redutores no Jardim e n a V i l a Ro s a , q u e f o i onde aconteceu o último acidente, mas não está resolvendo mais. Já foi falado isso. Inclusive houve uma promessa de uma readequação grande, mas nunca foi feita”,

reclama. “Se você ficar 15 minutos na beira da rodovia nos trevos do Jardim ou da Vila Rosa vai ver o perigo que é. Infelizmente vai continuar acontecendo acidente enquanto for deste jeito. Colocar radar ajudou? Sim, mas só isso está muito longe de ser a solução do problema”, continua. Ainda segundo o comerciante, existe uma conversa entre moradores para uma mobilização em torno do problema. “A gente vai tentar conversar de novo, o prefeito que ganhou a eleição já tinha se comprometido desde a campanha a ajudar e eu tenho muita esperança disso, só que a gente sabe que a rodovia não é governada pela prefeitura. Então se tiver que atravessar meia dúzia de caminhãões na rodovia e parar o trânsito até alguém do governo ou da concessionária vir conversar, a gente vai fazer. Melhor isso do que continuar enterrando gente”, ameaça. Além das melhorias

Acidente no trevo da Vila Rosa deixou uma pessoa morta na noite de sábado

nos acessos, outra reivindicação diz respeito a implantação de uma passarela sobre a BR-153 na altura do Jardim São Luiz, já que as duas margens da pista são ocupadas pelo bairro. ACIDENTE O acidente citado aconteceu na noite de sábado e matou uma pessoa, um homem de

NATAL

SAP fica fora da campanha “Papai Noel dos Correios”

49 anos morador de Jacarezinho, que morreu ao fazer a conversão da cidade para a rodovia no trevo da Vila Rosa. O carro da vítima, uma VW Saveiro, se envolveu em um acidente com uma S-10, que tinha dois ocupantes e ambos sofreram ferimentos, porém sem risco de morte. Com a força do impacto, a Saveiro

capotou. O motorista, que estava sozinho no veículo, morreu na hora. MELHORIAS O prefeito eleito de Jacarezinho, Marcelo Palhares (PSD), logo após a vitória nas eleições municipais deste ano voltou a falar sobre os problemas dos acessos de Jacarezinho às rodov i a s q u e pa s s a m p e l o

município – no caso a BR-153 e PR-431. Palhares garantiu que tentará junto aos órgãos responsáveis as melhorias que já se provaram mais que necessárias para trazer segurança a m o to r i s t a s e m o r a d o res em Jacarezinho de forma geral, incluindo a mencionada passarela na altura do Jardim São Luiz.

INFRAESTRUTURA

Movimento pede pavimentação de estrada entre Pinhal e Ibaiti

A ação desenvolvida há mais de 30 anos, acontece neste 2020 de forma virtual pelo Blog do Noel Da Redação

A c a m pa n h a “ Pa pa i Noel dos Correios”, não atenderá o município de Santo Antônio da Platina neste ano. A ação desenvolvida há mais de 30 anos, acontece neste 2020 de forma vir tual pelo Blog do Noel, onde podem ser cadastradas cartinhas até dia 11 de dezembro e apadrinhar para doações. De acordo com a gerente interina da unidade dos Correios de Santo Antônio, Cristina Lomba Hainaski, infelizmente o quadro de funcionários não foi o suficiente no momento para aderir à campanha. Ela explica que reduziu o número de pessoas trabalhando presencialmente em vir tude da pandemia e não tinham como estar alimentan-

d o o s i s te m a . “ Te m o s funcionários que são do grupo de risco e estão trabalhando no home-office, por isso optamos por não fazer. Todos os anos sempre encabeçamos ações neste sentido, mas infelizmente desta vez não foi possível. É uma lástima não poder participar, ver as crianças felizes”, lamentou. Por outro lado, Cristina destaca que isso não impede que os “padrinhos”, como são chamadas as pessoas que adotam as cartinhas, de realizarem doações. “Todos sabemos que outras instituições realizam anualmente essas campanhas para atender os pedidos de crianças durante o Natal. E no blog do Noel, podem beneficiar também crianças de outras cidades. Basta querer fazer o bem sem olhar a quem”, destaca.

A lista no blog é extensa, mas os pedidos são simples e, se atendidos, podem trazer alegria e ainda manter vivo o espírito de solidariedade. Carrinho, bonecas, mochilas, bolas de futebol, bicicletas, estão entre os principais desejos. O Blog do Papai Noel dos Correios, disponível no endereço eletrônico https://blognoel.correios. com.br/app/index.php, tem disponível cartinhas de crianças das escolas públicas, matriculadas do ensino infantil ao 5º ano do ensino fundamental. P a r a a d o t a r, b a s t a acessar o blog da campanha, clicar em "Seja você Noel" e seguir os próximos passos. Com base na localidade informada, serão disponibilizadas as cartinhas e as sugestões de locais para entrega dos presentes.

Trecho de 58 quilômetros é um dos poucos da região sem pavimentação asfáltica Da Redação

Uma reivindicação antiga, sempre lembrada em época de eleição, volta à tona, mas desta vez por iniciativa popular. Um movimento #VAMOSSOMARJUNTOS, ganha corpo através da internet pede a pavimentação da rodovia estadual PR-436, entre Ribeirão do Pinhal e Ibaiti. O trecho entre as duas cidades, de 58 quilômetros, passando pelo Distrito da Triolândia, é um dos poucos da região sem pavimentação asfáltica. Os usuários da rodovia sofrem todo tipo de di-

ficuldade pela situação irregular do piso, coberto por cascalho. Em vários pontos, quando chove, há alagamentos, interferindo no transporte de passageiros, descolamento de moradores das margens da estrada e escoamento da produção agropecuária. Estima-se que, pelo menos, 80 mil pessoas seriam beneficiadas com A PAVIMENTAÇÃO. Aliás, este problema é um dos gargalos que impossibilitam maior desenvolvimento da indústria cerâmica da Triolândia, que possui vastas reservas de uma das melhores

argilas do Paraná, matéria prima básica para produção de telhas e tijolos. Os ar ticuladores do movimento na internet exibem fotos do drama dos moradores das margens da estrada, uma população estimada em 7 mil moradores. Para quem não aceita se submeter aos solavancos da PR-436, a opção é pegar a BR-153 e, antes do trevo de Guapirama, seguir pela PR-218, passando por Jundiaí do Sul e, desta cidade, até Ribeirão do Pinhal , aumentando a distância de 40 a 50 quilômetros.


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-5

Geral.

AÇÃO CIVIL

MPPR pede suspensão de PSS e eleição de diretores

Promotoria aciona o Estado do Paraná para que seleção para contratação de professores e eleição de diretores de escolas sejam suspensas Imprensa MPPR

O Ministério Público do Paraná (MPPR), por meio da Promotoria de J u s t i ç a d e P ro te ç ã o à Saúde Pública de Curitiba, ajuizou ação civil pública contra o Estado do Paraná buscando a suspensão do processo seletivo simplificado (PSS) para contratação de professores da rede pública de ensino, bem como da consulta à comunidade escolar para escolha dos diretores de escolas da rede estadual de educação. A ação foi proposta nesta segunda-feira, 7 de dezembro, e tramita na 2ª Vara da Fazenda Pública da capital. Anteriormente à proposição judicial, a Promotoria de Justiça havia expedido, em 2 de dezembro, recomendação administrativa buscando a suspensão dos dois processos. E m re l a ç ã o a o P S S , a S e c re t a r i a E s t a d u a l , entre ta n to, l i m i tou-s e a transferir a aplicação das provas presenciais para o dia 20 de dezem-

bro (a data inicialmente p re v i s t a e r a 1 3 d e s t e mês). Ao avaliar a resposta do órgão estadual, a Promotoria de Justiça verificou que a Secretaria “não apresentou qualquer elemento atestador de que na data de 20 de dezembro esse controle (da pandemia) estará efetivamente alcançado, de que treinou pessoas para seguirem os termos de seu Protocolo, inclusive para impedirem que os participantes venham a se aglomerar”. Por outro lado, quanto à consulta para escolha dos dirigentes dos estabelecimentos de ensino, até então mantida para 9 de dezembro, a Seed tampouco demonstrou como “minimamente pretende fiscalizar o respeito a tais cuidados ou que as autoridades sanitárias concordam que a consulta seja levada a efeito”, conforme destacado na ação. Diante da decisão pela manutenção dos dois processos (de seleção e de escolha dos dirigent e s ) , a P ro m o t o r i a d e Justiça concluiu que a

Ministério Público que a suspensão do processo seletivo simplificado (PSS) para contratação de professores da rede pública de ensino

Secretaria Estadual de Educação “optou por não seguir adequadamente o recomendado, ao decidir pela manutenção de condutas que, neste momento pandêmico e sem autorização de autoridades sanitárias, cer tamente vão contribuir para que milhares de paranaenses deixem de lado o distan-

ciamento social exigido e compareçam para votar em processo de escolha de Diretores de Escolas Estaduais, assim como também com o intuito de participarem de provas vinculadas ao PSS mencionado”. Para o MPPR, os dois processos somente devem ocorrer quando exis-

tirem indicativos seguros de que a pandemia estará mais suficientemente controlada, apoiados em informações estratégicas de saúde fornecidas pelas autoridades sanitárias. Foi também requerido ao Juízo que o Estado d o Pa r a n á a s s e g u re o respeito às orientações dessas autoridades, da

Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Min i s té r i o d a S a ú d e n a s deliberações e atos da Secretaria de Estado da Educação, de modo a garantir a prevenção e o enfrentamento da Covid-19, em especial para impedir o afrouxamento do distanciamento e do isolamento sociais.

AGRICULTURA FAMILIAR

Turismo rural é opção para aumentar a renda no campo Agência Estadual

A atividade classificada como turismo da natureza cresce no Estado e ganhou mais corpo nestes tempos de pandemia. Neste ano, a crise econômica tem feito com que famílias de pequenas propriedades rurais apostem em novas formas de ampliar suas fontes de renda. Novos empreendimentos estão surgindo ou sendo amp l i a d o s . Á re a s m u i t a s veze s de gra da das são recuperadas e a exploração turística acontece com respeito ao meio ambiente. O secretário estadual do Desenvolvimento S u s t e n t á v e l e d o Tu rismo, Márcio Nunes, visitou propriedades de agricultura familiar em cinco municípios que exploram a atividade de turismo rural no Oeste paranaense. Medianeira, Serranópolis, Matelândia, Santa Tereza do Oeste e Capanema integram a Rota de Turismo

R u r a l d o Pa r a n á q u e desponta, nesse período de pandemia como novo nicho de mercado para pequenos agricultores. A principal característica das propriedades são os patrimônios cultural e natural. Fazem parte dos roteiros o conforto das acomodações em hotéis fazenda, opções de trilhas de mount a i n b i ke , c a m i n h a d a s ecológicas, ambientes para colônia de férias, cavalgadas e uma culinária rica em sabores. As receitas são elaboradas com produtos locais e trazem os aromas e paladares típicos de cada lugar. Em visita a esses paraísos disponíveis para quem procura sossego e lazer, Nunes reforçou o incentivo do Governo do Estado para ajudar o paranaense vencer a crise. “O Estado cria instrumentos para dar segurança jurídica e técnica ao empreendedor que, regularizado, pode buscar financiamentos para

expandir seu negócio. Ele aumenta sua renda e gera emprego”, disse. “O turista bem recepcionado divulga o local e o dinheiro que entra fica no município, trazendo desenvolvimento e qualidade de vida”. O Paraná agrega todos os indicativos para ser um estado 100% receptivo, acrescentou o secretário, e a meta é transformar o Estado em um grande negócio turístico. O Estado está mapeado em 14 regiões turísticas (as Instâncias de Governança Regional - IGRs) e o trabalho atual consiste na ratificação de cinco produtos que servem de âncoras para atrair o turista: O Coração da Grande Reser va da Mata Atlântica (Região de Curitiba), Corredor das Águas (Região d a Tr í p l i c e F ro n te i r a ) , Angra Doce (Norte Pioneiro), Portal da Ilha do Sol (Hard Rock/Primeiro de Maio) e Cachoeiras Gigantes (Região de

ABANDNO DE EMPREGO ADMIR RIBEIRO, proprietário da Fazenda Guanabara, situada na Rodovia PR 439, KM 39, Bairro Macaribe, Município de Ribeirão do Pinhal, PR, CEP 86.490-000, CONVOCA o Sr. JOSÉ DOS SANTOS, conhecido por “ZEZINHO”, nascido aos 02/03/1970, portador da cédula de identidade rg. nº 7.727.181-3/ PR, inscrito no CPF Nº 025.134.149-69, a comparecer no escritório sito na Rua Júlio Farah, nº 753, Centro, Ribeirão do Pinhal, PR, CEP 86.490-000, no prazo máximo de 72 (setenta e duas) horas, sob pena de configurar abandono de emprego nos termos do artigo 482, da CLT, uma vez que seu último comparecimento foi em 30 de outubro de 2.020 e desde então não mais conseguimos localizá-lo. Ribeirão do Pinhal, PR, 30 de novembro de 2.020.

Objetivo é que esses locais, considerados chamarizes, sirvam de estímulo para aumentar o tempo que o turista permanece no Estado

Ponta Grossa). O objetivo é que esses locais, considerados chamarizes, sir vam de estímulo para aumentar o tempo que o turista permanece no Estado. Quem vai à Foz do Iguaçu, por exemplo, pode conhecer outros destinos. Por meio do programa Viaje Paraná, hoje o visitante compra um pacote que permite fazer um roteiro que vai levá-lo da Vila Velha, nos Campos Gerais, à Foz do Iguaçu, no Oeste (cataratas, Itaipu e compras nos países vizinhos). O tempo de permanência no Estado cresce de três para pelo menos dez dias. Os empreendimentos de turismo rural estão inseridos nesse projeto. Com o desenvolvimento do setor, é possível criar um grande conglomerado de propriedades que

exploram a atividade e ampliar a conectividade entre os paranaenses e esses atrativos. O público-alvo são os viajantes instalados em um raio de 200 quilômetros, classificado como turista de curta distância. Novos empreendimentos também fazem par te da proposta. As IGRs debruçam o olhar sobre cada região, identificando propriedades com potencial turístico. Com esse suporte do Governo é possível licenciar a atividade e ter acesso a f inanciamentos para iniciar um novo negócio, principalmente, nas pequenas propriedades rurais no Interior do Estado. Outra vantagem é que emprego no setor de turismo é o menos oneroso, sem custo de insalubridade, como acontece na indústria. O trabalha-

dor ganha em qualidade de vida por atuar sempre perto da natureza. O foco no turismo de natureza no Paraná vem ao encontro também aos ideais do governo federal, de acordo com o secretário de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo do Ministério do Turismo, William França, na abertura do 15º Festival das Cataratas. De acordo com ele, o Paraná é um e s t a d o l í d e r n a p ro s pecção do turismo de natureza. Ele lembrou que o segmento do turismo como um todo apresentou crescimento de 2,6% no PIB nacional, e n q u a n to a e c o n o m i a em geral cresceu 1,1%. “O setor gerou 7 milhões de empregos novos em um conjunto de 25 milhões de empreg o s n o a n o pa s s a d o”, completou.


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-6

Geral.

ABANDONO DE EMPREGO ADMIR RIBEIRO, proprietário da Fazenda Guanabara, situada na Rodovia PR 439, KM 39, Bairro Macaribe, Município de Ribeirão do Pinhal, PR, CEP 86.490-000, CONVOCA o Sr. FRANCELINO CARNIERI KEMPE, conhecido por “KEMPE”, nascido aos 04/01/1964, portador da cédula de identidade rg. nº 4.463.281-0/PR, inscrito no CPF Nº 521.506.319-20, a comparecer no escritório sito na Rua Júlio Farah, nº 753, Centro, Ribeirão do Pinhal, PR, CEP 86.490-000, no prazo máximo de 72 (setenta e duas) horas, sob pena de configurar abandono de emprego nos termos do artigo 482, da CLT, uma vez que seu último comparecimento foi em 30 de outubro de 2.020 e desde então não mais conseguimos localizá-lo. Ribeirão do Pinhal, PR, 30 de novembro de 2.020.

PERÍCIA

Incêndio que destruiu ponte pênsil Alves de Lima foi criminoso

Para o Instituto de criminalística do Paraná, material combustível jogado na estrutura foi a causa do incêndio

SERVIÇO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DA COMARCA DE CARLÓPOLIS – ESTADO DO PARANÁ OFICIALA – MARIA ZÉLIA QUEIROZ BARONE BARBOSA ESC. SUBSTITUTO – Me. FABIANO ALPHEU BARONE BARBOSA EDITAL DE PUBLICAÇÃO EDITAL DE PEDIDO DE CANCELAMENTO DE REGISTRO DO LOTEAMENTO “PORTO HARMONIA” O Serviço de Registro de Imóveis da Comarca de Carlópolis – Estado do Paraná, FAZ SABER, a todos os possíveis interessados através de publicação no Jornal Tribuna do Vale, de circulação regional, por três edições consecutivas, o presente edital de seguinte teor: “Com fulcro no art.23, inciso II, §2º da Lei Federal n.º6766/1979, foi Protocolado sob n.º33.784, em 03/12/2020, o Pedido de Cancelamento de Registro do Loteamento “Porto Harmonia”, que foi registrado junto ao R-2- da Matrícula n.º6.248, do Livro 2, em conformidade com a Aprovação pela Prefeitura Municipal de Carlópolis, em 11/01/2010, de acordo com o Decreto sob nº2232, datado de 11 de Dezembro de 2009, perante uma área total de 278.542,00 metros quadrados. Na época foi aberta a Matrícula n.º6466 do Livro 2, com a área de 90.552,14 metros quadrados, que abrigou as áreas das vias públicas, área verde, área de preservação permanente, praças, faixa de domínio, e acesso à represa, matrícula essa, que por força do art.22 da Lei Federal n.º6766/1979, passou para o domínio do Município de Carlópolis – PR. Na época foram abertas ainda, à requerimento, todas as Matrícula individualizadas de cada lote gerado pelo Loteamento “Porto Harmonia”, partindo da Matrícula n.º6.467 de forma contínua até a Matrícula n.º6.647, todas do Livro 2. Decorre, que no interregno temporal entre Dezembro de 2009 até Dezembro de 2017, o loteamento “Porto Harmonia” tratou-se apenas de um projeto registrado formalmente, mas que de fato não se materializou. Atento à situação de inexecução das obras do projeto do Loteamento “Porto Harmonia” e pelo fato da área objeto do loteamento ter permanecido intacta, o Município de Carlópolis – Estado do Paraná, optou pela Revogação do referido Decreto, vez que, era oportuno e conveniente ao Município fazê-lo, como de fato o fez, através do Decreto n.º3513 de 01 de Dezembro 2017. Até a presente data, não ingressou perante este Serviço Registral Imobiliário, qualquer compromisso ou contrato de compra e venda relacionado a algum imóvel do Loteamento “Porto Harmonia”. Diante dos fatos apontados, após decorrido o prazo de 30 (trinta) dias contados da última publicação, com ou sem impugnação, o processo instaurado perante esse Serviço Registral Imobiliário, ora objeto do presente Edital, será remetido ao Juízo de Direito desta Comarca de Carlópolis – Estado do Paraná, para Homologação do pedido de cancelamento, ouvido o Ministério Público desta Comarca de Carlópolis – PR. Uma vez homologado pelo Juízo de Direito desta Comarca de Carlópolis – Estado do Paraná, o cancelamento do registro do loteamento Porto Harmonia, ato contínuo, serão canceladas todas as Matrículas abertas em decorrência do referido registro, restaurando-se, desta forma, através de um “Remembramento” a Matrícula que anteriormente deu origem ao referido loteamento. O eventuais interessados, deverão, no prazo de 30 (trinta) dias, opor impugnação ao pedido de cancelamento do registro do loteamento “Porto Harmonia”, perante o Serviço de Registro de Imóveis da Comarca de Carlópolis – PR, situado à Rua Francisco Avelino de Paiva, n.º902, Centro, nesta Cidade de Carlópolis – PR, de segunda-feira a sexta-feira, das 08:30 às 11:00 e das 13:00 às 17:00. O presente Edital ficará publicado pelo prazo de 30 (dias) na sede deste Serviço Registral Imobiliário.- Carlópolis, 03 de Dezembro de 2020. Dou fé; Me. Fabiano Alpheu Barone Barbosa, Escrevente Substituto.MUNICIPIO DE CAMBARÁ - PR Dispensa Nº 64/2020 Processo nº 2057/2020 – Secretária Municipal de Saúde Objeto: AQUISIÇÃO DE COLETE MILWAUKEE PARA PACIENTE ATENDIDA PELA APAE Homologo para todos os fins de direito, o objeto da dispensa de Licitação nº 64/2020, à empresa vencedora ORTOPEDICA LONDRINA INDÚSTRIA E COMERCIO DE APARELHOS ORTOPEDICOS LTDA EPP, inscrita no CNPJ: 75.617.498/0001-35, tendo como objeto de AQUISIÇÃO DE COLETE MILWAUKEE PARA PACIENTE ATENDIDA PELA APAE. O valor global é de R$ 1.800,00 (mil e oitocentos reais), e está em conformidade com o Art. 24 Inciso II, da Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações. Cambara, 07 de dezembro de 2020. JOSÉ SALIM HAGGI NETO Prefeito SÚMULA DE RECEBIMENTO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO RESIDENCIAL PONTAL DAS PALMEIRAS SPE LTDA, empresa inscrita no CNPJ 22.803.028/0001-08, torna público que recebeu do IAT (Instituto Água e Terra) a Renovação de Licença de Instalação nº 154704, válida até 24/02/2025, para a atividade de loteamento de chácaras de lazer, localizado no Sítio Brinco de Ouro – Bairro Jaboticabal, no município de Carlópolis/PR. MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – PR PREGÃO ELETRÔNICO 166/2020 Homologo para todos os fins de direito, o objeto do procedimento licitatório Pregão nº 166/2020: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE INSUMOS LABORATORIAS E REAGENTES 2. a empresa: A. C. L. ASSISTENCIA E COMERCIO DE PRODUTOS PARA LABORATÓRIOS LTDA - CNPJ 22.627.453/0001-85, com o valor R$ 440,00; DIMALAB ELETRONICS DO BRASIL EIRELI - CNPJ 02.472.743/0001-90 com o valor de R$ 21.141,29; INGALAB EQUIPAMENTOS PARA LABORATORIOS LTDA ME - CNPJ 13.415.600/0001-62, com o valor de R$ 1.200,00. Cambará, 04 de dezembro de 2020 JOSE SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ EXTRATO ATA DE REGISTRO ATA Nº 110/2020 ID 3772020 MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – 75.442.756/0001-90 DIMALAB ELETRONICS DO BRASIL EIRELI - CNPJ 02.472.743/000190 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE INSUMOS LABORATORIAS E REAGENTES 2. VALOR: R$ 21.141,29 VIGÊNCIA: 12 (doze) MESES. Cambará, 04 de dezembro de 2020 - PE166/2020 JOSE SALIM HAGGI NETO – PREFEITO

Trabalhadores na reforma da ponte pênsil no século passado Da Redação com RPC Londrina e G1 PR

O laudo do Instituto de Criminalística do Paraná concluiu que, o incêndio que destruiu parcialmente a ponte pênsil Alves Lima, entre os Ribeirão Claro e Chavantes (SP), foi criminoso. Conforme análise dos resquícios de madeiras queimadas e vestígios no local, a perícia descar tou a possibilidade de o incêndio ter ocorrido de forma acidental. A ponte que fica localizada sobre o Rio Paranapanema completou 100 anos no dia 4 de dezembro, e foi alvo de incêndio há exatamente um mês do lado paranaense. Entre as hipóteses, foi analisado também a possibilidade da queda de um raio, ou o incêndio teve origem em

alguma mata próxima, mas ambas as possibilidades também foram descartadas. Para os peritos, o incêndio foi provocado por uma ação humana intencional, por algum material combustível despejado nas madeiras. O instituto ainda aponta que a pessoa que ateou f o g o a i n d a e s p e ro u o fogo se alastrar pela estrutura para só depois fugir. A Polícia Civil ainda não conseguiu identificar o ou os responsáveis pelo incêndio e, por isso, pede ajuda da população. Denúncias podem ser feitas pelo 181. Em nota, o Departamento de Estradas de Rodagem de São Paulo (DER-SP) informou que elaborou um projeto que aponta quais as inter venções necessárias

MUNICÍPIO DE CAMBARÁ EXTRATO ATA DE REGISTRO ATA Nº 110/2020 ID 3782020 MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – 75.442.756/0001-90 INGALAB EQUIPAMENTOS PARA LABORATORIOS LTDA ME - CNPJ 13.415.600/0001-62 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE INSUMOS LABORATORIAS E REAGENTES 2. VALOR: R$ 1.200,00 VIGÊNCIA: 12 (doze) MESES. Cambará, 04 de dezembro de 2020 - PE166/2020 JOSE SALIM HAGGI NETO – PREFEITO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ EXTRATO ATA DE REGISTRO ATA Nº 110/2020 ID 3762020 MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – 75.442.756/0001-90 A. C. L. ASSISTENCIA E COMERCIO DE PRODUTOS PARA LABORATÓRIOS LTDA - CNPJ 22.627.453/0001-85 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE INSUMOS LABORATORIAS E REAGENTES 2. VALOR: R$ 440,00 VIGÊNCIA: 12 (doze) MESES. Cambará, 04 de dezembro de 2020 - PE166/2020 JOSE SALIM HAGGI NETO – PREFEITO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – PR PREGÃO ELETRÔNICO 167/2020 Homologo para todos os fins de direito, o objeto do procedimento licitatório Pregão nº 167/2020: REGISTRO DE PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM MECANICA ELÉTRICA a empresa: ANTONIA CRISTINA COSTA -ME - CNPJ 00.509.909/0001-70, com o valor R$ 69.500,00. Cambará, 07 de dezembro de 2020 JOSE SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ EXTRATO DA ATA DE REGISTRO ATA 111/2020 ID 3792020 MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – 75.442.756/0001-90 ANTONIA CRISTINA COSTA -ME – CNPJ: 00.509.909/0001-70 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM MECANICA ELÉTRICA. VALOR: R$ 69.500,00 VIGÊNCIA: 12 (DOZE) MESES. Cambará, 07 de dezembro de 2020 - PP 167/2020 JOSE SALIM HAGGI NETO – PREFEITO

Ponte centenária foi destruída parcialmente pela quarta vez

para reparos na Ponte Pênsil da SP 276 até a divisa com o Paraná. O projeto será submetido à aprovação do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, já que a estrutura é um patrimônio tombado. Já o DER do Paraná disse que a ponte não pertence mais ao sistema rodoviário. Por este motivo, somente os departamentos culturais podem informar sobre os reparos da estrutura. HISTÓRIA – A ponte Alves Lima, patrimônio tombado, foi construída em meados da década de 20 e já foi vítima de três fatalidades. Foi destruída pela primeira ve z e m 1 9 2 4 , d u r a n te a Re v o l u ç ã o Pa u l i s t a , quando foi incendiada. Posteriormente em 1932, um novo confronto armado destruiu, desta vez com dinamite, a “ponte

da esperança” durante a Revolução Constitucionalista. E a terceira tragédia aconteceu em junho de 1983, vitimada pela maior enchente de que se tem notícia na região. Mas ela foi recuperada dois anos depois. REFORMA – O deputado federal Pedro Lupion, a pedido do ex-prefeito Maurício Araújo e do prefeito eleito João Carlos Bonato, de Ribeirão Claro, garantiu que vai colocar uma emenda no orçamento da União em Brasília (DF) para que a Ponte Pênsil Alves Lima seja reconstruída o mais rápido possível. O deputado que tem esmero por Ribeirão Claro declara que não medirá esforços para recuperar o patrimônio histórico tombado, um dos principais cartões postais da cidade.

TERCEIRO APOSTILAMENTO – REEQUILIBRIO ECONOMICO FINANCEIRO – ATA DE REGISTRO Nº 47/2020 ID 2022020 PREGÃO PRESENCIAL 77/2020 MUNICIPIO DE CAMBARÁ - JOSE SALIM HAGGI NETO. COMERCIAL ALIMENTICIOS BANDEIRA VERDE LTDA - CNPJ 77.654.275/0001-73, OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE GÊNERO ALIMENTÍCIOS CLÁUSULA PRIMEIRA – DO FUNDAMENTO – O presente Termo tem por objeto o reequilíbrio econômico-financeiro dos preços registrados, com fundamento no artigo 65, da Lei n. 8.666/93 e Decreto n. 7892/13, por estarem presentes requisitos da teoria da imprevisão, em face de aumento de preços de matéria prima. CLÁUSULA SEGUNDA – DO VALOR – Altera-se os itens para o valor relacionado abaixo: Descrição

Valor Unit.

Leite condensado - produzido com leite integral, açúcar e lactose, acondicionado em embalagem de 395 g.

5,55

CLAUSULA TERCEIRA - INALTERABILIDADE – Permanecem inalteradas as demais cláusulas, parágrafos, condições e obrigações da Ata inicial que não colidirem com o disposto neste Termo Aditivo. Cambará/PR, 07 de dezembro de 2020. JOSE SALIM HAGGI NETO PREFEITO SÚMULA DE RECEBIIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO

A Maringá Energia LTDA inscrita no CNPJ 31.858.600/0001-19 torna público que recebeu do Instituto de Água e Terra, a Licença de Operação para linha de transmissão de energia de 34,5kv no trecho entre as cidades de Jacarezinho e Andirá-PR, conforme Licença de Operação nº 36660 com data de vencimento para 30/11/2030. SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO ANA HELENA ALIMENTOS LTDA – ME, CNPJ 14.485.316/0001-25 torna público que recebeu do IAT, a Licença de Operação N° 27400 para Fabricação de produtos e subprodutos do milho instalada na Rua Major Thomaz, n° 288 – Bairro Centro, município de Tomazina/PR. SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO ANA HELENA ALIMENTOS LTDA – ME, CNPJ 14.485.316/000125 torna público que irá requerer ao IAT, a Licença de Operação para Fabricação de produtos e subprodutos do milho instalada na Rua Major Thomaz, n° 288 – Bairro Centro, município de Tomazina/PR.


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-07

Geral. PÁGINA DA EDUCAÇÃO INFORME PUBLICITÁRIO

INFORMATIVO SEMANAL DA APP-SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DO ESTADO DO PARANÁ

APP-Sindicato: Av. Iguaçu, 880 - Rebouças - Curitiba - Paraná - CEP 80.230-020 - Fone: (41) 3026-9822 / Fax: (41) 3222-5261 | Site: www.appsindicato.org.br | Facebook: @appsindicato Presidente: Hermes Silva Leão | Secretário de Comunicação: Luiz Fernando Rodrigues | Secretário Executivo de Comunicação: Claudinei Pereira | Jornalistas: Fabiane Burmester (4305-PR), Gelinton Batista (8027-PR) e Uanilla Pivetta (8071-PR). Diagramador: Rodrigo Romani (7756-PR) | Técnica em atendimento (fale conosco): Valdirene de Souza | Edição de vídeos: Luan Pablo Romero de Souza

Conselho Estadual de Saúde posiciona contrariedade ao Edital 47

Não à prova presencial para professores(as) temporários(as). A saúde de muitas pessoas está em risco desde o início da pandemia e no Paraná os números de casos aumentam. Mais um motivo para o cancelamento da prova presencial para contratação de educadores(as) PSS. A APP-Sindicato faz a defesa da educação pública de qualidade e com respeito aos(às) profissionais envolvidos(as) tem feito a luta constante pela revogação do Edital 47. O Conselho Estadual de Saúde do Paraná (CES-PR) encaminhou um ofício, no final de novembro, para a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR) posicionando contrariedade ao Edital 47, que versa sobre a realização de Processo Seletivo Simplificado (PSS), visando a contratação temporária para professor(a) e professor(a) pedagogo(a) bem como a realização de prova. O representante do Departamento de PSS do Sindicato, professor Elio da Silva, lembra das mobilizações da direção da APP-Sindicato para que não ocorra a prova PSS e a recente greve de fome dos(as) educadores(as). “A situação é grave e envolve a vida das pessoas, sem contar as pessoas que já são do grupo de risco e que para fazer a prova vão ter que sair de casa. Não é só o candidato em si que está em risco, e sim todos que convivem

02 de dezembro de 2020 EDITAIS DE CONVOCAÇÃO

ASSEMBLEIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DA ASSOCIAÇÃO DOS TRABALHADORES MUNICIPAIS EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DE FAZENDA RIO GRANDE

Foto: Divulgação

APP-Sindicato defende a saúde dos(as) educadores(as) e seus direitos e tem apoio de entidades

Nº 1213

A Presidente do Núcleo Sindical de Curitiba Metropolitana Sul, da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias, e de acordo com o estatuto orgânico da ASSMEF, resolve convocar as/os trabalhadoras/es em Educação Pública da Rede Municipal de Educação de Fazenda Rio Grande para participarem da Assembleia Municipal Extraordinária, a ser realizada no dia 08/12/2020, às 18h30 (dezoito horas e trinta minutos) em primeira convocação e às 18h45 (dezoito horas e quarenta e cinco minutos), em segunda convocação, no modelo virtual, pela plataforma zoom, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Apresentação dos informes de debate sobre a defesa da pauta da categoria; 2) Apresentação da proposta de venda do veículo da ASSMEF; 3) Apresentação da proposta de mudança de endereço da sede da ASSMEF; 4) Proposta do regimento interno do Conselho Fiscal; 5) Encaminhamentos. Simone Barbosa Presidenta do Núcleo Sindical de Curitiba Metropolitana Sul

ASSEMBLEIA MUNICIPAL ORDINÁRIA DA ASSOCIAÇÃO DOS TRABALHADORES MUNICIPAIS EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DE FAZENDA RIO GRANDE

“A situação é grave e envolve a vida das pessoas, sem contar as pessoas que já são do grupo de risco e que para fazer a prova vão ter que sair de casa. Não é só o candidato em si que está em risco, e sim todos que convivem com ele, além de todos que estarão presentes como os aplicadores da prova”.

com ele, além de todos que estarão presentes como os aplicadores da prova”. Conselho Permanente dos Direitos Humanos do Estado do Paraná (Coped) – O secretário executivo da Mulher Trabalhadora e dos Direitos LGBT do Sindicato, Clau Lopes, disse da importância dos apoios no atual momento – e que é bom saber que o Coped e o CES também entendem a gravidade e a necessidade de urgência da pauta, pois é uma responsabilidade com a população paranaense. “Colocar em risco mais de 47 mil professores e professoras no dia 13 de dezembro é um ato genocida. É um ato do governo arbitrário e negacionista que está sem se posicionar e compreender essa pauta ilegítima”, finaliza Clau Lopes.

A Presidente do Núcleo Sindical de Curitiba Metropolitana Sul, da APP-SINDICATO, no uso de suas atribuições estatutárias, e de acordo com o estatuto orgânico da ASSMEF, resolve convocar as/os trabalhadoras/es em Educação Pública da Rede Municipal de Educação de Fazenda Rio Grande para participarem da Assembleia Municipal Ordinária, a ser realizada no dia 08/12/2020, às 17h (dezessete horas) em primeira convocação e às 17h15 (dezessete horas e quinze minutos), em segunda convocação, no modelo virtual, pela plataforma zoom, a fim de deliberar acerca da seguinte pauta: 1) Conjuntura Municipal, 2) Informes sobre as contas da ASSMEF; 3) Apresentação do Plano Orçamentário para 2021 e 4) Encaminhamentos. Simone Barbosa Presidenta do Núcleo Sindical de Curitiba Metropolitana Sul

ASSEMBLEIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS TRABALHADORES MUNICIPAIS EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DE PATO BRANCO O Presidente do Núcleo Sindical Pato Branco da APP – Sindicato, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as trabalhadores/as em educação sindicalizados/as para a Assembleia Regional Extraordinária dos Professores da Rede Municipal de Ensino de Pato Branco, a realizar-se no Dia 05 de dezembro de 2020 no Modelo Virtual na Plataforma Zoom, em primeira convocação às 10h e em segunda às 10h15min, com a seguinte pauta: 1. Eleição dos Representantes (Titular e Suplente) da APP-Sindicato junto ao Conselho Fiscal e Conselho Administrativo da PatoPrev. Everson Jose Lopes Presidente do Núcleo Sindical de Pato Branco


TERÇA-FEIRA, 08 DE DEZEMBRO DE 2020

A-08

Cidades. PREVENÇÃO

Polícia Militar inicia Operação Natal e reforça presença nas ruas Trabalhos seguem até o dia 24 de dezembro com um acréscimo de efetivo, além do aplicado diariamente.

Agência Estadual

A Polícia Militar do Paraná iniciou nesta segunda-feira (07) a Operação Natal 2020, que fortalece a presença nas ruas, com intensificação de policiamento preventivo em todo o Estado. Os trabalhos seguem até o dia 24 de dezembro com um acréscimo de efetivo, além do aplicado diariamente. Os reforços estão previstos entre 9 horas e 23 horas todos os dias. Somente em Curitiba, o reforço será de 300 policiais militares a mais por dia e, assim, em outras regiões proporcionalmente. O lançamento oficial foi na manhã desta segunda, na Praça Rui Barbosa, na capital. PREVENÇÃO A aplicação do efetivo será feita conforme as análises dos índices criminais, nos pontos mais sensíveis, para que a atuação da PM seja mais forte. Os seis Comandos Regionais de Polícia Militar de todo o Estado estarão com todo o efetivo disponível aplicado para o policiamento ostensivo. As unidades especializadas da corporação também atuarão em recobrimento ao que os batalhões e Companhias

Independentes já fazem no dia a dia. “Os policiais da área administrativa, policiais de reforço estão recobrindo as áreas onde há maior incidência de pessoas transitando e fazendo compras de Natal. Então o ano é um ano atípico em razão da pandemia, e os nossos policiais estão preparados para orientar as pessoas no sentido educativo para que evitem aglomeração e cumpram as regras de restrição impostas pelo governo para que isso passe o mais rápido possível”, disse o subcomandante-geral da PM, coronel Hudson Leôncio Teixeira. CONSTANTE O reforço de policiamento é uma constante no final do ano, devido a maior circulação de dinheiro por conta do pagamento do 13º salário de grande parte da população, somada ainda o aumento do fluxo de pessoas nas lojas, bancos e lotéricas, o que demanda maior atenção das forças de segurança pública. Em Curitiba, o 1º Comando Regional (1º CRPM) aplicará força total dos efetivos dos seis batalhões subordinados (12º, 13º, 20º, 23º, Batalhão de Trân-

Reforço de policiamento é uma constante no final do ano, devido a maior circulação de dinheiro

sito e Regimento de Polícia Montada) e contará com apoio de efetivo de setores administrativos e também de unidades especializadas. De acordo com o Comandante do 1º CRPM, tenente-coronel Wagner Lúcio dos Santos, em Curitiba o reforço será feito com as seis unidades operacionais. “Nós vivemos em um momento conturbado, mas, mesmo assim, a Polícia Militar reforçará o policiamento nos eixos comerciais em

todos os bairros da Capital do estado”, disse. A PM atuará com patrulhamento a pé e motorizado, nas principais vias de trânsito de pessoas e veículos, além de operação saturação. O trânsito urbano e rodoviário também recebe reforço de fiscalização pelo Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) na Capital, pelo Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) nas rodovias estaduais, e pelos Pelotões

Em

2021 021 EU QUERO

} MAIS }

PAZ

AMOR

SAÚDE

Que o novo ano venha recheado de esperanças, alegrias e qualidade de vida.

Lembre-se: estamos com você!

de Trânsito das unidades de área nos demais municípios do estado. REFORÇO – As unidades especializadas da corporação desempenharão papel de recobrimento de área, somando-se ao trabalho feito pelos Batalhões e Companhias Independentes de cada região do Estado, atuando em missões específicas. Nesse esquema de segurança par ticipam o Batalhão de Operações Especiais

(Bope), com suas seis subunidades; o Batalhão de Polícia Ambiental (BPMA); o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv); o Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran); o Regimento de Polícia Montada (RPMon); o Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária (BPEC); o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA); a Academia Policial Militar do Guatupê (APMG) e o Batalhão de Polícia de Guarda (BPGd).

Profile for Tribuna do Vale

ED 4212  

ED 4212  

Advertisement