__MAIN_TEXT__

Page 1

tribunadovale.com.br

www.

QUARTA-FEIRA

R$ 1,50

25

Ano XXV - EDIÇÃO - Nº 4208 - 02 DE DEZEMBRO DE 2020 Diretor: BENEDITO FRANCISQUINI

Anos

CAGED

Cinco maiores cidades fecham outubro com saldo positivo na geração de empregos Os cinco municípios com maior número de postos formais de trabalho n a re g i ã o f e c h a r a m outubro com saldo positivo na criação de novas vagas de emprego, segundo d a d o s d o N o vo C a dastro Geral de Emp re g a d o s e D e s e m pregados (Caged), divulgados na última semana pelo Ministério do Trabalho. Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Siqueira Campos, Ibaiti e Cambará apresentaram todos saldos p o s i t i vo s , re s u l t a d o de um número de

 PÁG. A4

Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Siqueira Campos, Ibaiti e Cambará apresentaram saldos positivos na geração de empregos formais em outubro

Fotografe o QR code ao lado

PÁG. A4 e acesse a página do site do

seu jornal TRIBUNA DO VALE

TEMPOHOJE Santo Antônio da Platina / PR

Máx 37º Mín 21º

VENDAS ASSINATURAS (43) 3534.4114

contratações superior ao de desligamentos – levando em consideração postos formais, ou seja, com carteira assinada. Jacarezinho segue como o município da microrregião que m a i s te m e m p re g o s formais, muito graças ao setor industrial, que por sua vez tem f o r te i n f l u ê n c i a d a s usinas. Em outubro a va r i a ç ã o f o i t í m i d a , porém positiva, com saldo de 15 vagas, com 191 admissões e 176 desligamentos. Ao fim do mês o município totaliza 9.433 postos de trabalho.

Envie Pautas, Fotos Sugestões e Vídeos para o whatsapp da PÁG. A5DO VALE TRIBUNA (43) 3534-4114

POR UMA PRÁTICA SUSTENTÁVEL RECICLE. PASSE ESTE JORNAL


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-2

Opinião. A RTIGO

A Patrulha Escolar e seu papel social. Muito preconceito e debates alheios a realidade surgem quando se discute a presença da Polícia na Escola. Infelizmente a sociedade brasileira tem uma percepção muitas vezes dúbia e errônea sobre a ação da Polícia. Se por um lado cobram que a Polícia seja mais repressiva e enérgica, quando assim agem, acusam a polícia de ser excessivamente violenta. E quando a Polícia é instada a agir em situações que envolvam o ambiente escolar, os ânimos se acirram ainda mais. A atuação da Polícia no espaço es-

colar, até os anos 90 eram essencialmente no sentido de, nos grandes centros, coibir acidentes nos horários de entrada e saída dos alunos. Raramente a ação policial se dava dentro do espaço escolar. Porém, com o aumento da criminalidade urbana, a partir dos anos 90, as ocorrências dentro dos muros da escola tem um elevado aumento. E a presença policial começa a ser cada vez mais requisitada. A partir de experiências na região metropolitana de Curitiba, para enfrentar problemas dentro e nos entornos da escola, surge

uma parceria entre a Secretaria da Educação e o comando da Polícia Militar. Após diversas experiências, tentativas, correções, foi criado pela Lei Estadual nº 15.745 de 20 de dezembro de 2007 o Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária, que a partir de 2013 recebe o nome de seu idealizador, Coronal Anselmo José de Oliveira (falecido nesse ano). É através do BPEC que ocorrem os dois principais programas de aproximação da Policia Militar e a comunidade escolar : O Proerd, programa de prevenção ao uso de en-

torpecentes, e a Patrulha Escolar Comunitária, onde se efetiva a atuação da PM nas escolas públicas. A principal mudança é que a presença da Polícia nas escolas passa a ser mais constante. Embora a percepção que passe é de que os problemas internos estão aumentando, a experiência tem mostrado exatamente o contrário. Segundo dados da Secretaria da Educação, 97% das ações da Patrulha Escolar tem sido medidas preventivas. Ou seja, a ação de conscientização, orientação e aproximação dos alunos e da Polícia

Militar, em um ambiente de respeito e confiança. Mesmo nos 3% dos casos em que as ações precisam ser repressivas, a atuação da Patrulha tem sido no sentido tentar resolver a questão dentro do ambiente escolar, envolvendo fundamentalmente a família e a escola. O grande diferencial nestas ações é a preparação diferenciada que os agentes policiais recebem, para estarem preparados para atuarem com os adolesce nte e jovens, bem como com toda a comunidade escolar. A Patrulha Escolar tem muitos desafios a ser en-

frentados, principalmente na questão do efetivo, que em muitos casos não é o suficiente para atender a demanda, mas é indubitavelmente um programa que devem ser ampliado e mantido, uma vez que aproxima a população e sua força policial, gerando confiança e respeito, e aumentando a segurança de nossas escolas.

Vivemos em uma época de filhos sem pais, vivendo á margem da sociedade, expostos a todos os riscos imagináveis. Infelizmente a falta de desenvolvimento local e a falta de incentivo a criação de novos empregos em cada município fere não só a evolução do local, mas também, ou consequentemente, a evolução da população como ser humano. Vidas, e o tempo, es-

tão sendo roubados de inúmeros pais e filhos, os quais não se dão conta que o tempo de convivência, bem como a vida, passa muito rápido. O tempo não para, e quem perde uma pessoa querida, ou perde o tempo de estar com pessoas queridas, se atenta pra isso muito tarde.

EDUARDO JOSÉ PEREIRA é soldado da PM-PR há 14 anos e bacharel em Processos Gerenciais, pós Graduado em Gestão Pública e acadêmico de Educação Física

A RTIGO

Tempo (vidas) roubadas Tragédias rotineiramente se repetem. O poder público, em todas as esferas, é incapaz de dar ao cidadão o mínimo de possibilidade de viver bem e em segurança. Nesta semana nos deparamos com a tragédia com os trabalhadores que perderam suas vidas, diante do trágico acidente na cidade de Taguai – SP. A falha do estado em todos os fatores que contribuí-

ram para essa, e para outras inúmeras, tragédias é evidente. Desde a falta de emprego nas cidades de origem destes trabalhadores, quanto pelas más condições das rodovias, pela falta de fiscalização dos meios de locomoção, nos mostram que temos um estado caro, incapaz e injusto. Vidas se perdem em ocorridos como o citado acima e em inúmeros outros. O brasileiro não tem

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Tv Editora e Gráfica Eireli CNPJ 28.454.259/0001-21 Matriz: Rua Major Infante Vieira, 36 - Vila São José Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43-3534.4114 Vendas Assinatura Anual R$ 150,00 Semestral R$100,00

vida, ele simplesmente sobrevive para sustentar um sistema corrupto e ineficiente, onde os amantes do poder vivem encostados, em sua maioria, por toda a vida. Novamente citando a falta de empregos em muitas cidades da nossa região, a qual é reconhecidamente pobre, temos um acontecimento tão ruim quanto aos que vivenciamos nesta semana. Temos pais e fi-

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale1@gmail.com tribunadovale@uol.com.br

Diagramação Priscila Simões Impressão e Fotolito EDITORA TRIBUNA DO VALE Fone/Fax: 43-3534.4114

lhos sem tempo, sem vida, sem convivência. Vemos o deslocamento de pessoas por toda região, como no caso dos trabalhadores que foram vitimados essa semana, onde os pais saem quando os filhos estão dormindo e retornam em horários que não possibilitam a interação com os mesmos, correndo inúmeros riscos pelas intragáveis rodovias que nos disponibilizam.

Projeto Gráfico Nilton Magalhães JMB COMUNICAÇÃO Fone: 61-3544.1107 | Fone: 61-99300.9675 Circulação: Abatiá | Andirá | Arapoti | Bandeirantes | Barra do Jacaré |Cambará Carlópolis | Conselheiro Mairink | Figueira | Guapirama | Ibaiti Itambaracá | Jaboti | Jacarezinho Jaguariaíva | Japira | Joaquim Távora Jundiaí do Sul | Pinhalão | Quatiguá | Ribeirão Claro Ribeirão do Pinhal | Salto do Itararé |Santana do Itararé Santo Antônio da Platina | São José da Boa Vista | Sengés Siqueira Campos | Tomazina Wenceslau Bráz.

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.

*Luiz Fernando da Silva é advogado militante na comarca de Joaquim Távora


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-03

Geral. Tomazina é o único município da região premiado Gestor Público

Prêmio Gestor Público Paraná escolheu 43 iniciativas de 36 municípios e um consórcio Assessoria

A Comissão Julgadora divulgou os resultados do 8º Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR). Das 162 iniciativas homologadas, 43 foram contempladas em todas as categorias da premiação. O único município do Norte Pioneiro entre os melhores em gestão pública e Tomazina, um reconhecimento pelo trabalho que está sendo realizado pelo prefeito reeleito Flávio Zanrosso. A premiação foi avaliada nas seguintes categorias: Melhor do Ano, Tema do Ano, Administração Tributária, Tecnologia e Inovação, Troféu PGP-PR, Certificado de Reconhecimento e Menção Honrosa. Dos 68 municípios com projetos homologados, 36 foram premiados, além de um consórcio intermunicipal. O PGP-PR é promovido pelo Sindicato dos Auditores Fiscais d a Re c e i t a d o E s t a d o

d o Pa r a n á ( S i n d a f e p ) , com apoio do Tribunal de Contas e de outras entidades. Com o cenário adverso da pandemia do coronavírus, a premiação passou por adaptações, entre elas as análises de campo, que aconteceram por meio de videoconferência na maior parte das avaliações. Com a divulgação dos municípios premiados, o próximo passo é a cerimônia de encerramento, que terá sua data e formato divulgados nos próximos dias. O tema de 2020 foi Empreendedorismo: Idealizar, Realizar e Transformar. Com ele, o PGP-PR buscou iniciativas que inovaram na gestão pública e que melhoraram a qualidade de vida dos paranaenses, tornando o ser viço público mais dinâmico e eficiente. Entretanto, isso não impedia que projetos de várias áreas de governo fossem inscritos. Nesta edição,

as áreas com maior número de projetos foram educação, com 17,82%, administração pública, com 14,94%, e gestão ambiental, com 12,07%. Vencedores Após a apreciação da Comissão Julgadora do Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR), realizada na última quarta-feira, 25 de novembro, o período de avaliação dos projetos chegou ao fim. Das 162 iniciativas homologadas, 43 delas foram contempladas em todas as categorias da premiação. São elas: Melhor do Ano, Tema do Ano, Administração Tributária, Tecnologia e Inovação, Troféu PGP-PR, Certificado de Reconhecimento e Menção Honrosa. Dos 68 municípios com projetos homologados, 36 foram premiados, além de um Consórcio de Municípios. Com o cenário adverso da pandemia do coronavírus, a premiação passou

RESTRIÇÕES

Governo confirma toque de recolher e recomendação de trabalho remoto no PR Bem Paraná

O governo do Paraná deverá publicar hoje, 2, novas normativas na tentativa de frear o avanço do coronavírus. Entre elas, estão o toque de recolher em todo o Estado, entre as 23 e 5 horas, e a recomendação da retomada das atividades de trabalho remoto de servidores estaduais, semelhante à resolução anteriormente publicada pela Secretaria de Estado da Saúde (SESA). A informação, confirmada por meio de nota neste final da manhã de ontem, 1 º, havia sido adiantada pelo Secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, e foi feita também ontem, em entrevista ao Bom Dia Paraná, jornal matinal da RPC, afiliada da Rede Globo. Com a medida, a pasta pretende conter a disseminação do coronavírus, que

tem apresentado avanço significativo, principalmente em Curitiba. “ Uma das hipóteses que estão sendo colocadas em um decreto do governo do estado diz respeito à um bloqueio, um toque de recolher, entre às 23h até 5h do dia seguinte, até baixarmos esse número”, explicou o secretário. Ele explicou que com a medida pretendem reduzir a circulação de pessoas, mas sem atingir a atividade comercial. Beto Preto ressaltou que o sistema está no limite. “É momento de olhar olho no olho e falar que temos um período difícil nos próximos 20 dias, justamente no período de natal. Se puder, não saia, mas se precisar, saia com a maior proteção possível”, alertou. Veja a nota na íntegra O Governo do Estado reafirma que continuam válidas todas orientações

divulgadas desde o início da pandemia da Covid-19 para evitar a propagação do novo coronavírus, como o distanciamento físico, o uso de máscara e a higiene pessoal. Por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), e em alinhamento com os gestores municipais, serão produzidos dois novos instrumentos jurídicos para ajudar a conter a alta disseminação do vírus verificada nos últimos dias. Um deles refere-se à restrição de horário para circulação de pessoas no período noturno – “toque de recolher”. A outra recomendará a retomada das atividades de trabalho remoto de servidores estaduais, semelhante à resolução anteriormente publicada pela SESA. As normativas deverão ser publicadas até a quarta-feira (2).

por adaptações, entre elas as análises de campo, que aconteceram por meio de videoconferência na maioria das avaliações. Após a divulgação dos municípios premiados, o próximo passo é a cerimônia de encerramento, que terá sua data e formato divulgados nos próximos dias. Empreendedorismo Com o tema do ano “Empreendedorismo: Idealizar, Realizar e Transformar ”, o PGP-PR buscou iniciativas que inovaram na gestão pública e que melhoraram a qualidade de vida dos paranaenses, tornando o serviço público mais dinâmico e eficiente. Entretanto, isso não impedia que projetos de várias áreas de governo fossem inscritos. Nesta edição, as áreas com maior número de projetos foram educação, com 17,82%, administração pública, com 14,94%, e gestão ambiental, com 12,07%.

Prefeito de Tomazina, Flávi Zanrosso será homenageado com o prêmio Gestor Público

Veja abaixo os municípios com projetos premiados na 8ª edição do PGP-PR. • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

Agudos do Sul Altamira do Paraná Apucarana Cafelândia Campo Mourão Cascavel Cianorte Cruzeiro do Oeste Fazenda Rio Grande Foz do Iguaçu Francisco Beltrão Guaíra Iretama Itaipulândia Ivaiporã Jardim Alegre Lapa Londrina Mandaguari Mandirituba

• Marechal Cândido Rondon • Marialva • Maringá • Mercedes • Nova Aurora • Nova Esperança • Nova Tebas • Paranavaí • Pérola • Ponta Grossa • Rondon • Santa Terezinha de Itaipu • São Miguel do Iguaçu • Tomazina • Umuarama • União da Vitória • Consórcio Metropolitano de Saúde do Paraná (Comesp)

MIGRAÇÃO

Copel e Assembleia Legislativa assinam contrato no mercado livre de energia Agência Estadual

A Copel e a Assembleia Legislativa do Paraná assinaram ontem (01) um contrato de fornecimento de energia especial na modalidade varejista, por meio da Copel Mercado Livre. Na prática, a instituição é o primeiro órgão público do Brasil a migrar para a modalidade livre de compra de energia, onde é possível negociar o preço. A estimativa é de uma economia média de 15% ao ano. Firmaram a parceria o presidente da Copel, Daniel Slaviero, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano, o diretor da Copel Mercado Livre, Franklin Miguel, e o primeiro-secretário da Assembleia, deputado Luiz Claudio Romanelli. “Esta migração da Assembleia Legislativa é inovadora, mostra tanto o trabalho de inovação, que é uma característica da própria Alep, quanto o papel da Copel na ajuda e na consultoria para migrar estes clientes”, afirmou o presidente da companhia. O presidente da Assem-

bleia Legislativa avalia que a redução de custos é bastante importante para órgãos públicos, especialmente diante da crise pela qual o País passa. “Num momento de crise profunda, como o que estamos vivendo, toda e qualquer iniciativa do governante tem que ser na linha de buscar alternativas e soluções que possam reduzir drasticamente os custos”, afirmou. A estimativa é que a instituição economize entre R$ 500 mil e R$ 750 mil em cinco anos, ou seja, uma economia de até R$ 12 mil por mês na fatura de energia. “O contrato com a Assembleia Legislativa, órgão de importante representatividade no Estado, permite divulgar a marca e o trabalho da Copel Mercado Livre em diversos municípios e empresas do Paraná e ainda contribui com um dos importantes objetivos da Assembleia e do governo estadual, que é trabalhar de forma sustentável, gerando economia aos paranaenses”, enfatizou o diretor-geral da Copel Mercado Livre, Franklin Miguel. COMO FUNCIONA

No mercado livre de energia, modalidade lançada há mais de 20 anos no Brasil, os clientes finais podem escolher seu fornecedor de energia. Estudos da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) apontam que desde a sua criação até dezembro de 2019, os clientes do mercado livre economizaram R$ 190 bilhões em suas contas de luz. Hoje o mercado livre responde por 30% da energia consumida no Brasil e estimativas indicam que em dez anos esse índice chegará a mais de 50%, concentrando todo o consumo industrial e comercial de grande porte, e possivelmente também o segmento residencial de maior consumo. A Copel Mercado Livre tem hoje cerca de 800 consumidores, em 14 Estados brasileiros, e volume médio comercializado de 1.300 MW. Além disso, é a quarta maior comercializadora em volume de energia comercializado no País, segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), e tem como foco o consumidor final.


Geral.

QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-4

CAGED

Outubro tem crescimento dos postos de emprego na região

Municípios com maior número de empregos com carteira assinada tiveram saldo positivo, de acordo com dados do Novo Caged Da Redação

Os c inc o municípios com maior número de postos formais de t r a ba lho na região d a Amunorpi (Associaç ã o dos Munic ípi os d o Nor te Pioneiro) fecharam outubro com saldo p os itivo na c ria ção d e novas vagas de emprego, s egundo da d os d o Novo Cadastro Geral de E mprega dos e Des e mprega dos (C ag ed ), divulgados na última s e m a n a p e l o M i n i s té r io do Tra ba lho. Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Siqueira Campos, Ibaiti e Cambará apresentaram todos saldos positivos, resultado de um número de c ontra tações superior ao de desligam e n to s – l e va n d o e m consideração postos formais, ou seja, com c a r teira a s s ina da. Jacarezinho segue como o município da mic rorregiã o que m ais tem empregos formais, muito gra ç a s a o setor industrial, que por sua

vez tem forte influência das usinas. Em ou tu bro a var iação foi tímida, porém positiva, com saldo de 15 vagas, com 191 admissões e 176 desligamentos. Ao fim d o mês o mu nicípio totaliza 9.433 postos d e tr abalh o. Santo Antônio da Platina, dono do com é rc i o q u e m a i s e m preg a n a m icro reg ião e que tem no segmento o p r i n c i pa l s e t o r e m pregatício local,teve u m ou tu bro com sald o p o s i t i v o d e 7 9 va g a s , após reg istr ar 259 ad missões contra 180 d eslig amen tos. Com a variação o município te m a g o r a 8 . 7 0 9 p o s tos d e em preg o. Siqueira Campos está em terceiro no ranking geral, mas tem o setor in d u str ial q u e mais gera empregos em tod a a reg ião. Em outubro o saldo foi positivo d e 75, após o registro de 240 contratações e 165 demissões. No total o município tem 6.255

Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Siqueira Campos, Ibaiti e Cambará apresentaram todos saldos positivos na geração de empregos formais

vagas de emprego com c ar te i ra assi nada. Em Ibaiti, onde o setor de ser viços é o que gera mais empregos f o rm ai s, o sal do f o i de 123, com 300 contrataç õ e s e 177 de m i ssõ e s. Assim o município chego u ao f i m de o utub ro com o total de 5.486 t r a ba l h a d o re s d e v i d a -

OPORTUNIDADE

UENP abre seleção para estagiários de Direito

Núcleo Maria da Penha está com inscrições abertas até dia 5 de dezembro Da Redação

O Núcleo Maria da Penha (Numape), de Jacarezinho, da Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp) abriu nesta terça-feira, 1, a seleção de estudantes de graduação visa a concessão de bolsas de extensão, cadastro de reservas, para o Programa de extensão Numape, por meio do Programa de Extensão “Universidade Sem Fronteiras” da Secretaria

da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI). As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até sábado, 5. Os currículos dos inscritos serão analisados e pontuados. Os candidatos serão selecionados de acordo com a média final de forma decrescente. Serão considerados e pontuados os seguintes critérios na análise do currículo: Estágio comprovado na área do Direito;

Estágio comprovado especificamente na atuação da Lei Maria da Penha e/ ou na área de Família; Participação em eventos e congressos sobre violência doméstica e/ou Família; Participação em projetos de extensão na área de violência doméstica e/ou Família; Participação em projetos de ensino, pesquisa e extensão na área do Direito; Participação em eventos e congressos, na área do Direito.

m e nte e m p re gado s. Fecha a lista Cambará, mais um município que tem nas indústrias o principal propulsor econômico, teve números tímidos em outubro, porém positivos. O saldo de 15 vagas é resultado das 102 admissões e 87 desligamentos.

Ao fim do mês o Min i s t é r i o d o Tr a b a l h o aponta a existência de 5.139 postos de trabalho. OUTROS MUNICÍP I OS N o s o u t ro s 2 0 m u nicípios da região os re sul tad os t i ve r a m e m s u a m a i o r i a va r i a ç õ e s p o s i t i va s , p o r é m c o m

números tímidos. As exceções ficam em And i r á , C on s e l h e i ro Ma i r i n ck e F i g u e i r a , on d e o s a l d o f oi n e g a t i vo, e Abatiá, Barra do Jacaré e S ã o J os é d a B oa V i s ta, que tiveram saldo ze ro, ou s e j a , re g i s t r a r a m o me s mo n ú me ro de admissões e de desl i g a me n tos .

CORNÉLIO PROCÓPIO

Em 30 dias, prefeitura injeta mais de R$ 16 milhões na economia local Ataíde Cuqui

A economia de Cornélio Procópio deverá receber neste final de ano uma injeção de mais de R$ 16 milhões, através de adiantamentos que já viraram marca registrada da atual administração pública: o pa g a m e n to i n te g r a l da folha de dezembro e o 13o salário antes do Natal. Juntas, somam aproximadamente R$ 11 milhões. Com o pagamento de novembro, que foi depositado no último no dia 27, este valor chega a mais de R$ a 16,5 milhões. Isto permite que o funcionalismo e seus familiares possam se programar com antecedência para as festividades de final de ano. O comércio também acaba favorecido com

essas antecipações. “É uma prática que te m o s m a n t i d o d e s d e que assumimos nosso primeiro mandato como prefeito em 2005. Entendemos que e o funcionário público municipal é quem carrega o peso da administração p ú b l i c a e s e m p re n o s programamos para que isso possa acontecer ”, d i s s e o p re f e i to A m i n Hannouche, ao anunciar para o dia 18 o pagamento do 13o salário e para o dia 23 a folha de dezembro. “É o resultado de muito trabalho e planejamento da nossa equipe. Com isso, podemos oferecer esse conforto aos nossos trabalhadores e suas famílias”, explicou o prefeito. Em todos os meses do ano, nesta e em outras de suas gestões à frente do Execu-

tivo, o pagamento do funcionalismo é sempre feito dentro do mês. A p e s a r d e 2 0 2 0 te r sido um ano difícil para as administrações púb l i c a s d e v i d o a o p ro cesso eleitoral e a pandemia que gerou algumas restrições nas ações do Executivo, o saldo é considerado como positivo. “Mesmo com a nossa candidatura à reeleição em a n d a m e n to , s e g u i m o s trabalhando e o ser viço não parou. Em todas as nossas gestões, sempre procuramos ter ao nosso lado pessoas capacitadas e de confiança. E é assim que vamos seguir fazendo em nosso próximo mandato”, projetou Hannouche que, em janeiro do ano que vem, assume a sua quarta gestão como prefeito.


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-5

Geral.

EMPREGOS

Taxa de desocupação cai para 10,1%

Dessa forma, a taxa volta praticamente ao mesmo nível aferido na primeira edição da pesquisa divulgada em maio, quando assinalou 10%. Das Agências

A sexta edição da pesquisa PNAD COVID19 Mensal, divulgada ontem (1) pelo IBGE, mostra que a taxa de desocupação no Paraná caiu em outubro, ficando em 10,1%, uma queda de 9% em relação ao verificado em setembro (11,1%). Dessa forma, a taxa volta praticamente ao mesmo nível aferido na primeira edição da pesquisa divulgada em maio, quando assinalou 10%. A pesquisa mostra também que o número de desocupados caiu pela terceira vez seguida, totalizando 590 mil em outubro, queda de 61 mil pessoas em relação a setembro (651 mil). Já o número de ocupados teve aumento de 68 mil, saindo de 5,19 milhões em setembro e atingindo a marca de 5,26 milhões em outubro. Verificou-se também que o aumento entre os ocupados é acompanhado por um acréscimo no número de ocupações informais. Em outubro, no Paraná, o número de pessoas ocupadas e na informalidade

foi de 1,43 milhão, 54 mil a mais que em setembro (1,37 milhão). Trata-se do terceiro aumento consecutivo desde julho, quando o indicador registrava 1,31 milhão de pessoas na informalidade, ou seja, um aumento de 120 mil em três meses. A PNAD COVID19 Mensal revela ainda que, em outubro, o número de pessoas não ocupadas que não procuraram trabalho por conta da pandemia ou por falta de trabalho na localidade mas que gostariam de trabalhar na semana anterior foi de 343 mil no Paraná, 54 mil pessoas a menos que em setembro (397 mil). O total de pessoas ocupadas e afastadas do trabalho registrou a quinta queda consecutiva, ou seja, desde o início dos levantamentos da PNAD COVID19 Mensal em maio, esse indicador decresceu em todas as cinco edições seguintes, chegando em outubro ao patamar de 226 mil pessoas, 43 mil a menos do que o verificado em setembro (269 mil) e

A pesquisa mostra também que o número de desocupados caiu pela terceira vez seguida, totalizando 590 mil em outubro

485 mil a menos do que o registrado em maio (711 mil). Da totalidade das pessoas afastadas em outubro, 43 mil deixaram de receber remuneração. O mesmo ritmo de queda foi observado no total de pessoas ocupadas e afastadas do trabalho devido ao distanciamento social. Em outubro, no Paraná, esse número ficou em 113 mil pessoas, quinta queda consecutiva em relação a maio, quando foi apurado um montante de 541 mil indivíduos.

Renda dos paranaenses A pesquisa do IBGE aponta que o rendimento médio real efetivamente recebido das pessoas ocupadas ficou em 2.386 reais em outubro, registrando o quinto aumento seguido desde a primeira edição da pesquisa realizado em maio, quando esse dado assinalava 2.180 reais. Já a média do rendimento proveniente do auxílio emergencial recebido pelos domicílios paranaenses em outubro foi de 717 reais,

queda em relação a setembro (853 reais). O número de domicílios do Paraná em que pelo menos um morador recebia auxílio emergencial foi de 1,35 milhão em outubro, outra queda na comparação com setembro (1,39 milhão). Dados da saúde Segundo a pesquisa PNAD COVID19 Mensal, em outubro, no Paraná, 376 mil pessoas apresentaram algum dos sintomas relacionados à síndrome gripal, o que corresponde à terceira queda

consecutiva desde julho. Por outro lado, o número de pessoas que fizeram algum teste para saber se estavam infectadas pelo Coronavírus teve o quarto aumento consecutivo, totalizando 1,17 milhão de pessoas, cerca de 650 mil a mais do que o verificado em julho (520 mil). Do total de pessoas que fizeram algum teste para saber se estavam infectadas, 196 mil testaram positivo, o que representa um aumento de 32 mil pessoas em relação a setembro (164 mil).

Educação e comportamento na pandemia Segundo o levantamento do IBGE, em outubro, no Paraná, o número de estudantes entre 6 e 29 anos que frequentavam escola ou universidade era de aproximadamente 2,45 milhões. Desse total, cerca de 2,32 milhões tiveram atividades escolares (aula online, deveres, estudo dirigido etc.) disponíveis para realizar. Portanto, cerca de 130 mil estudantes não tiveram nenhuma atividade escolar em outubro. Sobre o comportamento do paranaense diante

da pandemia, a pesquisa apurou que 314 mil pessoas não tomaram qualquer medida restritiva para evitar o contágio pelo Coronavírus em outubro (154 mil a mais que em setembro). O número de pessoas que reduziram o contato, mas continuaram saindo de casa e/ou recebendo visitas foi de 5,51 milhões, outras 4 milhões ficaram em casa e só saíram por necessidade básica e 1,65 milhão permaneceram rigorosamente isoladas, quase 600 mil pessoas a menos que em setembro.

Em relação aos hábitos financeiros do parananense, em outubro, em quase 400 mil domicílios havia pelo menos um morador que solicitou empréstimo. Desses, por volta de 10% (40 mil) não tiveram êxito na concessão do empréstimo. Entre os níveis de rendimento domiciliar per capita, o que apresentou o maior número de domicílios com algum morador que solicitou empréstimo foi o dos que ganham de 1 até 2 salários-mínimos. Nesse agrupamento, 167 mil solicitaram empréstimo em outubro no estado.

Sobre a pesquisa A PNAD COVID19 tem por finalidade identificar os indivíduos com sintomas associados à Covid-19 e o impacto da pandemia no mercado de trabalho. Ao longo das edições da pesquisa iniciada em maio,

outros dados foram sendo incluídos, tais como indicadores sobre comportamento do paranaense diante da pandemia e dados sobre educação. O IBGE ressalta que não se pode comparar os dados

da PNAD Contínua com os da PNAD COVID19 por se tratar de levantamentos com metodologias diferentes, e que a PNAD Contínua ainda é a pesquisa oficial sobre o mercado de trabalho no Brasil.

SESA

Paraná soma 1.192 casos de dengue registrados a partir de agosto Agência Estadual

A Secretaria da Saúde do Paraná divulga ontem (01) o boletim semanal da dengue e confirma 132 novos casos da doença. O Estado soma agora 1.192 casos no período epidemiológico que teve início em agosto. Deste total, 905 são ocorrências autóctones, ou seja, as pessoas foram contaminadas nas cidades de residência. Hoje, 158 municípios paranaenses apresentam casos confirmados. O informe apresenta 12.303 notificações para a dengue - 1.217 a mais que na semana anterior. AÇÕES

A Secretaria de Estado da Saúde segue realizando ações de enfrentamento da dengue, principalmente, com a capacitação dos profissionais envolvidos no atendimento dos usuários da rede de saúde pública. Nesta terça-feira (02), a partir das 19h, a Secretaria participará de evento online do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR), sobre “Tópicos seletos relacionados à Dengue”. A diretora de Atenção e Vigilância em Saúde, Maria Goretti David Lopes, e o médico Enéas Cordeiro de Souza Filho, da Vigilância Ambiental, representarão a secretaria no encontro.

Na quinta-feira (03), a Secretaria da Saúde encerra o ciclo de webconferências sobre atualização dos manuais de manejo clínico da doença na Urgência e Emergência e sobre a integração das áreas de Atenção Primária e Vigilância em Saúde no atendimento e orientações aos usuários do SUS. Os encontros, promovidos pela Divisão de Atenção e Vigilância em Saúde, começaram em outubro e já reuniram mais de 800 trabalhadores conectados em tempo real e cerca de 5.100 visualizações no canal do youtube da Secretaria. Na última quarta-feira

(25), foi publicada a Nota Orientativa número1, com indicações sobre a Organização da Rede de Atenção à Saúde para o enfrentamento da dengue no Paraná. O documento apresenta informações importantes para a organização e funcionamento dos serviços de saúde em todos os níveis de atenção e pode ser acessado no site da secretaria (saúde.pr.gov.br). “Além das ações para atualização e integração dos profissionais, precisamos conscientizar uma parcela maior da população para o combate da dengue nas residências, a eliminação dos criadouros nos ambientes domésticos é

fundamental nesta batalha para contra o mosquito Aedes aegypti”, disse o secretário da Saúde, Beto Preto. MINISTÉRIO O Ministério da Saúde promoveu na última semana reunião com as secretarias estaduais para apresentar dados nacionais sobre a doença no período 2019/2020. Entre as semanas 01 a 46, com início em 29 de dezembro de 2019 e finalizada no dia 23 de novembro, o país somou 971.136 casos

prováveis, sendo 91,7% concentrados nos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e Mato Grosso. São 528 óbitos confirmados e mais 207 seguem em investigação. Deste total, 401 aconteceram no Paraná, São Paulo, Distrito Federal e Mato Grosso do Sul. No período anterior, entre agosto de 2019 e julho de 2020, o Paraná registrou 227 mil casos e 177 óbitos pela doença confirmados.

SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA PRÉVIA CAPAL COOPERATIVA AGORINDUSTRIAL, torna público que irá requerer ao IAT, a LICENÇA PRÉVIA para BENEFICIAMENTO E ARMAZENAMENTO DE PRODUTOS AGRÍCOLAS a ser implantada RODOVIA PARIGOT DE SOUZA - PR 092 - KM 254,2 - FAZENDA VELHA, MUNICÍPIO DE WENCESLAU BRAZ.


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-6

Geral .

MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – PR PREGÃO ELETRÔNICO 163/2020 Homologo para todos os fins de direito, o objeto do procedimento licitatório Pregão nº 163/2020, REGISTRO DE PREÇO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA, a empresa: ALINE MAYARA BEGO ALVES INFORMATICA ME - CNPJ 18.482.292/0001-01, com o valor R$ 174.562,00, BELAS ARTES PRESENTES LTDA ME - CNPJ 05.745.318/0001-15, com o valor R$ 90.413,54 e MARCELO ARIOSO KOMIYA -ME * COMPUTEC - CNPJ 10.406.257/0001-00, com o valor R$ 206.669,00. Cambará, 01 de dezembro de 2020 JOSE SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICÍPIO DE CAMBARÁ EXTRATO DA ATA DE REGISTRO ATA 57/2020 ID 2232020 MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – 75.442.756/0001-90 MANORT INDUSTRIA E COMERCIO DE TINTAS LTDA EPP - CNPJ 07.889.115/0001-28 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TINTA PARA DEMARCAÇÃO VIARIA 2. VALOR: R$ 57.482,50 VIGÊNCIA: 12 (DOZE) MESES. Cambará, 28 de julho de 2020 - PP802020 JOSE SALIM HAGGI NETO – PREFEITO MUNCÍPIO DE CAMBARÁ – PR PREGÃO PRESENCIAL 170/2020 EXCLUSIVO MEI/ME/EPP - LOCAL OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM CONFECÇÃO DE MATERIAL DE CAMA E ROUPA HOSPITALAR. ABERTURA: 16/12/2020 ÀS 09h LOCAL: Av. Brasil, 1.229, Centro, Cambará – PR DISPONIBILIDADE DO EDITAL: REQUISITADO, GRATUITAMENTE, PELO E-MAIL: municipiocambara@gmail.com e Portal Transparência. Cambará, 01 de dezembro de 2020. JOSE SALIM HAGGI NETO PREFEITO PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL. AVISO DE LICITAÇÃO - TOMADA DE PREÇOS nº. 009/2020 - Encontra-se aberto na PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL – ESTADODO PARANÁ, processo licitatório na modalidade Tomada de Preços, do tipo menor preço global, cujo objeto é a contratação de empresa especializada para execução de obras de reforma na Unidade Básica de Saúde José Antônio de Moraes conforme Resolução SESA n.º 765/2019, com fornecimento de material e mão de obra, de acordo com planilhas, cronograma e memorial descritivo anexo ao edital. A vistoria no local da obra deverá ser agendada previamente com o Engenheiro Civil do município (43)35518301 ou (43)35518309. A realização da Tomada de Preços será no dia: 29/12/2020, a partir das 09h00min, na sede da Prefeitura Municipal, localizada à Rua Paraná, nº. 983 – Centro, em nosso Município. O valor total estimado para tal contratação será de R$ 158.791,00 (cento e cinquenta e oito mil setecentos e noventa e um reais). O edital na íntegra estará disponível para consulta e retirada mediante pagamento de taxa no endereço supra, junto ao Setor de licitações, de segunda a sexta-feira, no horário das 09h00min às 11h00min e das 13h30min às 15h30min e no endereço eletrônico (www.ribeiraodopinhal.pr.gov.br). As autenticações e reconhecimentos de firma poderão ser realizados por funcionário da administração antes da sessão de julgamento. Ribeirão do Pinhal, 01 de dezembro de 2020.Adriana Cristina de Matos - Presidente Comissão de Licitações. CÂMARA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA Nº 43/2020 O Senhor Raffaello Frascati, Presidente da Câmara Municipal de Cambará, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, CONSIDERANDO o art. 133, incisos IX e XV, “b”, da Lei Orgânica do Município de Cambará, RESOLVE I – Conceder férias regulamentares de 30 (trinta) dias às servidoras abaixo nominadas nos períodos abaixo especificados, relativo aos períodos aquisitivos que menciona: NOME PERÍODO AQUISITIVO PERÍODO DE GOZO CARLA GABRIELA DE OLIVEIRA 1º/08/2019 a 31/07/2020 06/01/2021 a 04/02/2021 JOSIANE PRIMO XAVIER DA COSTA 10/03/2019 a 09/03/2020 07/01/2021 a 05/02/2021 II – Concede, ainda, Licença-Prêmio por assiduidade à servidora PAULA COELHO BERTOLI, portadora do RG 8.375.051-0, ocupante do cargo de Oficial Administrativo, por um período de 30 (trinta) dias, a contar a partir de 06/01/2021 a 04/02/2021, em conformidade com o art. 133, XV, “b”, da Lei Orgânica do Município; III - Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Publique-se. Registre-se. Cumpra-se. GABINETE DO PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAMBARÁ, ESTADO DO PARANÁ, aos 01 de dezembro de 2020. RAFFAELLO FRASCATI Presidente da Câmara Municipal

PREFEITURA DE CAMBARÁ – ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA CALENDÁRIO DE REMOÇÃO E PERMUTA As inscrições para Remoção e Permutas deverão ser efetuadas na Secretaria Municipal de Educação e Cultura e estarão abertas de acordo com a Lei Complementar 031/2012 que trata do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal. As vagas reais, caso tenha no quadro quarenta horas para Educação Infantil, terão prioridades os professores de 40 horas que assumiram o concurso do Edital 01/2012, posteriormente os demais interessados. O horário para atendimento será das 8h às 11h e das 13h às 16h, em formulário próprio, conforme datas abaixo: Inscrições: 02 a 08 de dezembro de 2020 Resultado: 14 de dezembro de 2020 Recursos: 15 à 17 de dezembro de 2020 

ESCOLA MUNICIPAL IGNEZ PANICHI HAMZÉ 02 (duas) VAGAS – Período VESPERTINO

ESCOLA MUNICIPAL LUIZ ANTÔNIO LORENZETTE 01 (uma) VAGA ARTE - Período MATUTINO 01 (uma) VAGA ARTE - Período VESPERTINO 01 (uma) VAGA ED. FÍSICA - Período VESPERTINO

ESCOLA MUNICIPAL MARIA APARECIDA PAULINA DA SILVA FURLAN 01 (uma) VAGA ARTE (10h) - Período VESPERTINO (completará padrão em outra escola)

ESCOLA MUNICIPAL CAETANO VEZOZZO 01 (uma) VAGA – período VESPERTINO

CENTRO MUNICIPAL MUNDO FELIZ 02 (duas) VAGAS de 20 h – período VESPERTINO

CENTRO MUNICIPAL CLÁUDIA HELENA NEGRÃO BATISTA 01 (uma) VAGA de 20 h – período VESPERTINO

Observação – Outras vagas poderão surgir de acordo com a efetivação da remoção

Cambará, 01 de dezembro de 2020

FRANCIELI AXMAN TAVARES DUARTE Secretária Municipal de Educação e Cultura

HABILITAÇÃO

Carteiras de motoristas vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade

A medida inclui também a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC) e a Permissão Para Dirigir (PPD) Das Agências

Está em vigor, a partir desta terça-feira (1º), a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que restabelece os prazos para a regularização das carteiras nacionais de Habilitação (CNHs) vencidas. Segundo a nova resolução, os documentos de habilitação vencidos em 2020 ganharam mais um ano de validade. Com isso, a renovação das CNHs vencidas em 2020 ocorrerá de forma gradual, de acordo com um cronograma estabelecido no documento. A medida inclui também a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC) e a Permissão Para Dirigir (PPD), documento provisório utilizado no primeiro ano de habilitação do condutor. Pelo texto, a renovação ocorrerá com base no mês de vencimento do documento. Ainda de acordo com a resolução, para fins de fiscalização, qualquer documento de habilitação vencido em 2020 deve ser aceito até o último dia do mês correspondente em 2021. A medida, publicada no último dia 24, revogou uma portaria publicada em março pelo órgão, que suspendeu os prazos para a renovação das CNHs, aplicação de multas, transferência de veículo, registro e licenciamento de veículo novo, entre outros, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Transferências de veículos A resolução também determina que, a partir de 1º de dezembro de 2020, sejam retomados os prazos para serviços como transferência veicular, comunicação de venda, mudança de endereço, conforme previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Em relação à transferência de veículos adquiridos de 19 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, o Contran diz que os departamentos estaduais de Trânsito (Detrans) dos estados e do Distrito Federal poderão estabelecer cronograma específico para a efetivação da transferência de propriedade e que ele deverá ser informado ao Contran até 31 de dezembro de 2020. Caso os Detrans não estabeleçam um cronograma específico, a transferência de propriedade de veículo adquirido no período indicado deverá ser efetivada até 31 de dezembro de 2020. Para os veículos novos, adquiridos no período de de 19 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, também valerá a data 31 de janeiro de 2021 para a efetivação do registro e licenciamento. Infrações A resolução também retoma a partir de hoje, os prazos previstos para as infrações cometidas, a exemplo dos prazos para defesa da autuação e recursos de multa; defesa processual e de suspensão do direito de dirigir e de cassação do

documento de habilitação, bem como identificação do condutor infrator e expedição de notificações de autuações. No caso das notificações já enviadas, a resolução posterga para 31 de janeiro de 2021, os prazos para a apresentação de defesa prévia e indicação do condutor, posteriores a 20 de março de 2020. O mesmo prazo vale para as notificações de penalidade. Já para o envio de notificações registradas no período de 26 de fevereiro até o dia 30 de novembro, será observado um cronograma de 10 meses. Este prazo será contado a partir da data de cometimento da infração. Desta forma, por exemplo, os motoristas que cometeram infrações em fevereiro e março de 2020 deverão ter as notificações de autuações enviadas em janeiro de 2021. “A autoridade de trânsito deverá providenciar, sempre que possível, leiaute diferenciado para a expedição das NAs [notificações de autuação] decorrentes de infração cometida de 26 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, ressaltando, com clareza, que estas notificações contam com prazos diferenciados”, diz a resolução. Já os prazos das licenças para funcionar como Instituição Técnica Licenciada (ITL), vencidos de 20 de março de 2020 a 30 de novembro de 2020, ficam prorrogados para 31 de janeiro de 2021.

Cronograma de renovação de CHNs vencidas Data de vencimento Período para renovação De 1º a 31 de janeiro de 2020 De 1º a 31 de janeiro de 2021 De 1º a 29 de fevereiro de 2020 De 1º a 28 de fevereiro de 2021 De 1º a 31 de março de 2020 De 1º a 31 de março de 202 De 1º a 30 de abril de 2020 De 1º a 30 de abril de 2021 De 1º a 31 de maio de 2020 De 1º a 31 de maio de 2021 De 1º a 30 de junho de 2020 De 1º a 30 de junho de 2021 De 1º a 31 de julho de 2020 De 1º a 31 de julho de 2021 De 1º a 31 de agosto de 2020 De 1º a 31 de agosto de 2021 De 1º a 30 de setembro de 2020 De 1º a 30 de setembro de 2021 De 1º a 31 de outubro de 2020 De 1º a 31 de outubro de 2021 De 1º a 30 de novembro de 2020 De 1º a 30 de novembro de 2021 De 1º a 31 de dezembro de 2020 De 1º a 31 de dezembro de 2021


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-07

Geral. PÁGINA DA EDUCAÇÃO INFORME PUBLICITÁRIO

INFORMATIVO SEMANAL DA APP-SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DO ESTADO DO PARANÁ

APP-Sindicato: Av. Iguaçu, 880 - Rebouças - Curitiba - Paraná - CEP 80.230-020 - Fone: (41) 3026-9822 / Fax: (41) 3222-5261 | Site: www.appsindicato.org.br | Facebook: @appsindicato Presidente: Hermes Silva Leão | Secretário de Comunicação: Luiz Fernando Rodrigues | Secretário Executivo de Comunicação: Claudinei Pereira | Jornalistas: Fabiane Burmester (4305-PR), Gelinton Batista (8027-PR) e Uanilla Pivetta (8071-PR). Diagramador: Rodrigo Romani (7756-PR) | Técnica em atendimento (fale conosco): Valdirene de Souza | Edição de vídeos: Luan Pablo Romero de Souza

Educadores(as) continuam em greve de fome na defesa de empregos

A greve de fome dos(as) educadores(as) que estão acampados em frente ao Palácio Iguaçu completou, na terça-feira (24), 120 horas. Acampados desde quinta-feira (19) no Centro Cívico, os(as) trabalhadores(as) da educação, mobilizados junto com a APP-Sindicato, estão resistindo em defesa da empregabilidade de mais de 30 mil profissionais, que estão sendo ameaçados pelo governador Ratinho Jr e o secretário da Educação, Renato Feder. As principais denúncias da categoria são a realização da prova para o Processo Seletivo Simplificado (PSS), que foi instituída pelo edital 47/2020, a falta de diálogo com o governador Ratinho Jr e o autoritarismo do governo ao implementar projetos para a educação paranaense. A APP-Sindicato cobra ainda o pagamento de progressões e promoções, prorrogação de contratos para Funcionários(as) de Escola e a suspensão da militarização escola. O edital prevê a realização de prova presencial para 100 mil pessoas durante a pandemia. A promessa é contratar apenas 4 mil professores(as) para contrato válido por apenas um ano. Na manhã de hoje, último dia para inscrição, o governo divulgou uma nota informando que o processo e a prova estão mantidos. A atitude causou indignação.

APP-Sindicato convoca assembleia estadual on-line nesta quinta-feira

Foto: Divulgação

A categoria exige a revogação do edital 47 e denuncia a falta de diálogo do governador Ratinho Jr

O Sindicato reafirma que os(as) trabalhadores(as) em greve continuam sendo monitorados(as) 24 horas por uma equipe médica.

“Denunciamos mais uma vez o governo do estado, porque havia a expectativa da categoria e da população de que ele, governador eleito, tivesse o bom senso e a prudência de não autorizar a realização de uma prova em meio a pandemia”, comentou a secretária de Finanças da APPSindicato, professora Walkiria Mazeto.

“Denunciamos mais uma vez o governo do estado, porque havia a expectativa da categoria e da população de que ele, governador eleito, tivesse o bom senso e a prudência de não autorizar a realização de uma prova em meio a pandemia”, comentou a secretária de Finanças da APP-Sindicato, professora Walkiria Mazeto. Walkiria Olegário Mazeto, enfatiza ainda que a luta da categoria reivindica do Estado respeito para com os(as) trabalhadores(as), que correm o risco de perder seus empregos. “Nós reivindicamos a manutenção dos empregos das pessoas em um período de pandemia, tão duro e tão difícil”. O Sindicato reafirma que os(as) trabalhadores(as) em greve continuam sendo monitorados(as) 24 horas por uma equipe médica.

Nº 1212

25 de novembro de 2020

Educadores(as) precisam fazer cadastro para participar das deliberações; greve geral está na pauta O comando estadual de greve reuniu-se e deliberou a convocação da categoria para uma assembleia estadual extraordinária nesta quinta-feira (26). A reunião será on-line, sendo 13h30 a primeira chamada e 14h a segunda chamada. Um dos pontos que estará na pauta é o início de uma greve geral em todo o estado. A greve de fome, iniciada na última quinta-feira, continua na porta do Palácio Iguaçu. Os(as) educadores(as) vão deliberar novas ações buscando o atendimento de reivindicações como a revogação do edital de processo seletivo simplificado (PSS) n. 47/2020, que prevê a realização de prova presencial para cerca de 100 mil pessoas durante a pandemia. O pedido inclui ainda a renovação dos contratos de cerca de 9 mil funcionários(as) de escola atualmente contratados(as) pelo PSS. Caso contrário, todos(as) esses(as) profissionais serão demitidos pelo governo até o dia 31 de dezembro. Os(as) dirigentes também deliberaram pela realização de conselhos regionais, entre terça e quarta-feira, para avaliação da pauta. Além da revogação do edital e da prova, a categoria reivindica o pagamento do salário mínimo regional e de promoções e progressões, concurso público para suprir o déficit de educadores(as), além da manutenção das turmas de ensino noturno nas escolas incluídas no processo de migração para o modelo cívico-militar. Credenciamento on-line A opção de assembleia on-line é justificada pela pandemia do novo coronavírus, que impede a realização de eventos com aglomeração de pessoas. Para participar, é preciso fazer um cadastro prévio no endereço https://appsindicato.org.br/assembleia. O sistema de credenciamento estará liberado a partir desta terça-feira. É preciso informar o RG para criar um login e uma senha. A assembleia será realizada através da ferramenta de videoconferência. O(a) educador(a) receberá o link de acesso no e-mail utilizado no cadastrado.


QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2020

A-08

Cidades. PANDEMIA

Jacarezinho vai adotar toque de recolher contra Covid-19 Decreto deve ser publicado até a quarta-feira, 2, com as novas medidas de prevenção

Medida foi anunciada pelo prefeito na segunda-feira, 30, em reunião extraordinária Da Redação

O prefeito de Jacarezinho, Sérgio Eduardo Farias deve decretar até q u a r t a - f e i r a , 2 , n o va s medidas de enfrentamento para frear o avanço do coronavírus no Município. Entre as novas estratégias, está o toque de recolher, ainda sem horário definido. A medida foi anunciada na segunda-feira, 30, em reunião extraordinária

com o secretário Municipal de Saúde, Marcelo Nascimento e membros do Comitê contra Covid-19. O Governo do Estado também já confirma o toque de recolher das 23h às 5h, com a finalidade de conter a disseminação do coronavírus, que tem apresentado avanço significativo. A medida foi tomada após os números c res c e n te s d e c a s o s e mortes na capital para-

naense. E em Jacarezinho, a realidade não tem sido diferente. Durante o final de semana, foram registradas quatro mortes por coronavírus em apenas 24 horas. “Estamos com três fiscais da Vigilância Sanitária permanentes nas ruas fiscalizando o comércio e contamos com o apoio da Polícia Militar, para nos auxiliar na fiscalização. O poder público vem fazendo sua

Governo do Estado já confirmou o toque de recolher das 23h às 5h, para conter a disseminação do coronavírus

parte, precisamos de contrapartida da população”, detalha o secretário. De antemão, Nascimento indica que os ser viços não essenciais s er ão m an t i dos e qu e as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim Panorama e Parque Bela Vista, que estão fechadas por contaminação, s e r ã o re a b e r t a s a i n d a nesta semana. “A unidade do Parque Bela Vista abre já amanhã (2) e a

Em

2021 0 21 EU QUERO

} MAIS }

PAZ

AMOR

SAÚDE

Que o novo ano venha recheado de esperanças, alegrias e qualidade de vida.

Lembre-se: estamos com você!

do Jardim Panorama vai passar por uma desinfecção e posteriormente vamos abrir novamente”, esclarece. Pa r a N a s c i m e n t o , a medida mais eficaz para frear o contágio do coronavírus em Jacarezinho é a conscientização da população, atendend o a s re c o m e n d a ç õ e s sanitárias e evitando aglomerações. “Houve um relaxamento das p e s s oa s e m re l a ç ã o a

proteção. Aumentou a mobilidade nas ruas e nós precisamos reduzir isso. Se for necessário sair, que saiam de máscara e fazendo o uso do álcool gel. A gente obser va pelos números que a população jovem e s tá s e c o n ta m i n a n d o e está levando para os pais, avós e que estes em vir tude da idade e comorbidades estão vindo a falecer ”, desabafou o secretário.

Profile for Tribuna do Vale

ED 4208  

ED 4208  

Advertisement