Issuu on Google+

Quarta -feira 260 180

22 DE JANEIRO DE 2014

ANO XIX - N0 2553 - R$ 1,00

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

www.tribunadovale.com.br

CASO ISOLADO

Carteiros de Santo Antônio da Platina entram em greve Antônio de Picolli

Os 15 carteiros de Santo Antônio da Platina entraram em greve na manhã de ontem. Às 10h30, o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Comunicações Postais (Sintcom-PR) fechou a entrada do prédio com faixas. Desta vez, as reivindicações não são por melhorias salariais e sim por melhores condições de trabalho. A categoria reclama do imóvel atual, que é pequeno, sem ventilação e com escada de acesso para o departamento de distribuição. Segundo os funcionários, todos os volumes, incluindo caixas grandes e pesadas são carregados para o andar superior através de escada. Não existem rampas muito menos elevador. O diretor do Sinticom de Curitiba, André Ricardo disse que há quatro anos, os funcionários reivindicam um lugar melhor. “Os Correios contrataram uma empresa para construir um imóvel adequado aos serviços. O prédio está pronto, mas a direção se recusa a fazer a mudança alegando que a construção ficou 150 metros quadrados maior do que o esperado, e por isso, não aceita as novas instalações”, contou. A paralisação deve durar dois dias. Caso, a empresa não tome providências, a greve será por tempo indeterminado.

altadas

onados da

f

EDUCAÇÃO

Pequenos produtores vão fornecer merenda a 2.500 escolas

Prefeitura dá continuidade na recuperação das estradas rurais Divulgação

A Secretaria Estadual da Educação divulgou a lista de cooperativas e associações de pequenos produtores selecionadas para fornecer alimentos para a merenda escolar. Para este ano serão destinados R$ 47,5 milhões aos pequenos produtores rurais que atenderão 2.500 escolas da rede estadual, incluindo as de educação especial. f

PÁG. A8

ENCONTRO

Diretas Já une PMDB e PSDB

O encontro em comemoração aos 30 anos do comício das Diretas Já em Curitiba serviu para aproximar mais o PMDB do PSDB e outros partidos que fazem parte da base de apoio do governador Beto Richa (PSDB). f PÁG. A8

ECONOMIA

Sicredi lança promoção Sorte em Campo f

PÁG. A4

PÁG. A4

S.A.PLATINA

A Prefeitura de Santo Antônio da Platina está trabalhando na melhoria das estradas rurais. Esta semana, os serviços estão sendo feitos no bairro Água Branca. Segundo a secretária municipal de Agricultura e Meio Ambiente, e também responsável pela manutenção das vias rurais, Eliani Simões, os trabalhos estão sendo realizados em sete quilômetros de via. Os equipamentos também estão operando nos acessos à Fazenda São Jorge (Banco da Terra 1) e Guimarães Carneiro (Banco da Terra 2). As recuperações vão beneficiar 44 famílias tanto para o escoamento da produção rural quanto para o transporte comum e escolar. f

PÁG. A8

RIBEIRÃO CLARO

Ruas de acesso ao Centro Social são asfaltadas Divulgação

As vias de acesso, a área de embarque e desembarque de alunos e o estacionamento do Centro Social Urbano de Ribeirão Claro foram asfaltadas pela prefeitura. Além das atividades do Centro Social, o local onde foi realizada a obra abriga o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Ursinho Pimpão e o CEMEI Maria Baggio. O custo da obra foi orçado em R$ 25 mil e executado com recursos próprios. A iniciativa faz parte do programa de estruturação de estabelecimentos de ensino e melhorias no Centro Social, traçado pelo prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV). f

PÁG. A8


A-2 Atas & Editais

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

5(/$7�5,2'(*(67­2),6&$/ '(021675$7,92'$',6321,%,/,'$'('(&$,;$

0XQLFtSLRGH720$=,1$353RGHU/HJLVODWLYR &$0$5$081,&,3$/'(720$=,1$ 5(/$7�5,2'$*(67­2),6&$/ '(021675$7,92'$'(63(6$&203(662$/ 25d$0(1726),6&$/('$6(*85,'$'(62&,$/ -$1(,52$'(=(0%52

25d$0(1726),6&$/('$6(*85,'$'(62&,$/ -$1(,52$'(=(0%526(0(675(-8/+2'(=(0%52

5

/5)DUW,QFLVR,,,DOtQHDD$QH[R9 $7,92

9$/25

',6321,%,/,'$'(),1$1&(,5$ &DL[D

 

%DQFRV



&RQWD0RYLPHQWR

9$/25

3$66,92 2%5,*$dÂŽ(6),1$1&(,5$6 'HSyVLWRV 5HVWRVD3DJDU3URFHVVDGRV

5*)Âą$1(;2, /5)DUWLQFLVR,DOtQHDD



'R([HUFtFLR



&RQWDV9LQFXODGDV



$SOLFDo}HV)LQDQFHLUDV



'H([HUFtFLRV$QWHULRUHV 531mR3URFHVVVDGRVGH([HUFtFLRV$QWHULRUHV

 

2XWUDV'LVSRQLELOLGDGHV)LQDQFHLUDV



'pELWRVGH7HVRXUDULD



&UpGLWRV,QWUDJRYHUQDPHQWDLV 'HYHGRUHV'LYHUVRV

 

&RQWDV3HQGHQWHV



$SOLFDo}HV)LQDQFHLUDV0pGLRH/RQJR3UD]R



'HSyVLWRV-XGLFLDLV



&UpGLWRV,QWHUJRYHUQDPHQWDLV &RQWDV3HQGHQWHV

 

68%727$/



,168),&,Ç1&,$$17(6'$,16&5,d­2(0 5(6726$3$*$51­2352&(66$'26 ,



727$/

68%727$/

 ² 

727$/

²

68),&,Ç1&,$$3�6,16&5,d­2(05(6726$3$*$51­2352&(66$'26 ,9   ,,,,,



3HVVRDO$WLYR

   

,QGHQL]Do}HVSRU'HPLVVmRH,QFHQWLYRVj'HPLVVmR9ROXQWiULD



'HFRUUHQWHVGH'HFLVmR-XGLFLDO



'HVSHVDVGH([HUFtFLRV$QWHULRUHV



,QDWLYRVH3HQVLRQLVWDVFRP5HFXUVRV9LQFXODGRV



'HVSHVDVFRP5HFXUVRV9LQFXODGRV$FyUGmR7&(35



&RQYRFDomR([WUDRUGLQiULD LQFLVR,,†žDUWGD&)



$FyUGmR7&(35



3HQVLRQLVWDV

5(*,0(35(9,'(1&,Ăˆ5,2 9$/25

2%5,*$dÂŽ(6),1$1&(,5$6 'HSyVLWRV



,55)

9$/25

3$66,92 

j

2XWUDV'HVSHVDV'H3HVVRDO'HFRUUHQWHV'H&RQWUDWRV'H7HUFHLUL]DomR DUW†žGD/5)



',6321,%,/,'$'(),1$1&(,5$

'(63(6$6&203(662$/ '(63(6$%587$&203(662$/ ,

 '(63(6$61­2&20387$'$6 DUW†žGD/5)  ,,

,16&5,d­2(05(6726$3$*$51­2352&(66$'26 ,,,

$7,92

'(63(6$6(03(1+$'$6 Ă’OWLPRV0HVHV

3HVVRDO,QDWLYRH3HQVLRQLVWDV

68),&,Ç1&,$$17(6'$,16&5,d­2(05(6726$ 3$*$51­2352&(66$'26 ,,

²

5

  

 



,QVWUXomR1RUPDWLYD7&(35



'HVSHVDVFRP5HFXUVRV9LQFXODGRV



&DL[D %DQFRV

 

5HVWRVD3DJDU3URFHVVDGRV



&RQWD0RYLPHQWR &RQWDV9LQFXODGDV $SOLFDo}HV)LQDQFHLUDV

  

'R([HUFtFLR 'H([HUFtFLRV$QWHULRUHV 531mR3URFHVVVDGRVGH([HUFtFLRV$QWHULRUHV

  

2XWUDV'LVSRQLELOLGDGHV)LQDQFHLUDV



&UpGLWRVHP&LUFXODomR



2XWUDV2EULJDo}HV)LQDQFHLUDV (QFDUJRV6RFLDLVD5HFROKHU

 

'(63(6$/Ă‹48,'$&203(662$/ ,,,   ,,,



2EULJDo}HV7ULEXWiULDV



3UHFDWyULRVD3DJDU



5(&(,7$&255(17(/Ă‹48,'$5&/ ,9



'pELWRV'LYHUVRVD3DJDU



GR727$/'$'(63(6$&203(662$/3$5$),16'($385$d­2'2/,0,7(7'3



VREUHD5&/ ,,,,9  

68%727$/



,168),&,Ç1&,$$17(6'$,16&5,d­2(0 5(6726$3$*$51­2352&(66$'26 9



727$/

68%727$/ 68),&,Ç1&,$$17(6'$,16&5,d­2(05(6726$ 3$*$51­2352&(66$'26 9,

²

² 

727$/



,16&5,d­2(05(6726$3$*$51­2352&(66$'26 9,,

3HQVLRQLVWDV



,55)





/,0,7(0Ăˆ;,02 LQFLVRV,,,H,,,DUWGD/5) 



/,0,7(358'(1&,$/ †~QLFRDUWGD/5) 



²

68),&,Ç1&,$$3�6,16&5,d­2(05(6726$3$*$51­2352&(66$'26 9,,,   9,9,,

)217(&$0$5$081,&,3$/'(720$=,1$

720$=,1$ +(/,27$5*,125,%(,52 9(5($'2535(6,'(17(

$/(.6$1'5267()$12%$/7$=$5

$5,(/5$,081'2'29$/(

&217$'25

&21752/(,17(512

720$=,1$

081,&Ë3,2'(720$=,1$3532'(5/(*,6/$7,92 5(/$7�5,2'(*(67­2),6&$/ '(021675$7,92'265(6726$3$*$5

+(/,27$5*,125,%(,52

$/(.6$1'5267()$12%$/7$=$5

$5,(/5$,081'2'29$/(

25d$0(1726),6&$/('$6(*85,'$'(62&,$/

9(5($'2535(6,'(17(

&217$'25

&21752/(,17(512

-$1(,52$'(=(0%526(0(675(-8/+2'(=(0%52 5

5*)$1(;29, /5)DUWLQFLVR,,,DOtQHDE

5(6726$3$*$5 (PSHQKDGRVH1mR/LTXLGDGRV 1mR3URFHVVDGRV

/LTXLGDGRVH1mR3DJRV 3URFHVVDGRV

'(67,1$d­2'(5(&85626

'H([HUFtFLRV $QWHULRUHV

'R([HUFtFLR

'H([HUFtFLRV $QWHULRUHV

'R([HUFtFLR

',6321,%,/,'$'('( &$,;$/Ë48,'$ $17(6 '$,16&5,d­2(0 5(6726$3$*$5 1­2352&(66$'26 '2(;(5&Ë&,2

(03(1+261­2 /,48,'$'26 &$1&(/$'26 1­2,16&5,726 325 ,168),&,Ç1&,$ ),1$1&(,5$

727$/'(5(&856261­29,1&8/$'26 ,,

)217(&$0$5$081,&,3$/'(720$=,1$













727$/ ,,,   ,,,













720$=,1$ +(/,27$5*,125,%(,52

$/(.6$1'5267()$12%$/7$=$5

$5,(/5$,081'2'29$/(

9(5($'2535(6,'(17(

&217$'25

&21752/(,17(512

0XQLFtSLRGH720$=,1$353RGHU/HJLVODWLYR &$0$5$081,&,3$/'(720$=,1$ 5(/$7�5,2'$*(67­2),6&$/ '(021675$7,926,03/,),&$'2'25(/$7�5,2'(*(67­2),6&$/ 25d$0(1726),6&$/('$6(*85,'$'(62&,$/ $WpRž6HPHVWUHGH /5)$UWLJR$QH[R9,,

5 9$/25

'(63(6$6&203(662$/

62%5($5&/



'HVSHVD7RWDOFRP3HVVRDO'73 /LPLWH0i[LPR LQFLVRV,,,H,,,DUWGD/5) !



/LPLWH3UXGHQFLDO SDUiJUDIR~QLFRDUWGD/5) !

 9$/25

'Ă‹9,'$&2162/,'$'$

  62%5($5&/

'tYLGD&RQVROLGDGD/tTXLGD





/LPLWH'HILQLGRSRU5HVROXomRGR6HQDGR)HGHUDO





9$/25

*$5$17,$'(9$/25(6

62%5($5&/ 

7RWDOGDV*DUDQWLDV&RQFHGLGDV /LPLWH'HILQLGRSRU5HVROXomRGR6HQDGR)HGHUDO



 9$/25

23(5$dÂŽ(6'(&5e',72

62%5($5&/

2SHUDo}HVGH&UpGLWR([WHUQDVH,QWHUQDV



2SHUDo}HVGH&UpGLWRSRU$QWHFLSDomRGD5HFHLWD



/LPLWH'HILQLGRSHOR6HQDGR)HGHUDOSDUD2SHUDo}HVGH&UpGLWR([WHUQDVH,QWHUQDV





/LPLWH'HILQLGRSHOR6HQDGR)HGHUDOSDUD2SHUDo}HVGH&UpGLWRSRU$QWHFLSDomRGD5HFHLWD





5(6726$3$*$5

,16&5,d­2(0 5(6726$3$*$5 1­2352&(66$'26 '2(;(5&Ë&,2

68),&,Ç1&,$$17(6 '$,16&5,d­2(0 5(6726$3$*$5 1­2352&(66$'26 '2(;(5&Ë&,2





9DORU$SXUDGRQRV'HPRQVWUDWLYRV5HVSHFWLYRV )217(&$0$5$081,&,3$/'(720$=,1$ 720$=,1$

+(/,27$5*,125,%(,52

$/(.6$1'5267()$12%$/7$=$5

$5,(/5$,081'2'29$/(

9(5($'2535(6,'(17(

&217$'25

&21752/(,17(512

TRIBUNA DO VALE

O DiĂĄrio da nossa regiĂŁo - Fundado em agosto de 1995 Editora Jornal Tribuna do Vale LTDA CNPJ 01.037.108/0001-11 Matriz: Rua Tiradentes 425, Centro Santo AntĂ´nio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Diretor ResponsĂĄvel Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale@tribunadovale.com.br tribunadovale@uol.com.br

Representação: MERCONET Representação de Veículos de Comunicação LTDA Rua Dep. Atílio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 Œ Fax: 41-3079-3633 Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

ImpressĂŁo: GraďŹ Norte FONE: 43 3420-7777

Circulação: Abatiå Œ Andirå Œ Arapoti Œ Bandeirantes Œ Barra do JacarÊ ŒCambarå Œ Carlópolis Œ Conselheiro Mairink Œ FigueiraŒGuapirama Œ Ibaiti Œ Itambaracå Œ Jaboti Œ Jacarezinho Jaguariaíva Œ Japira Œ Joaquim Tåvora Œ Jundiaí do Sul Œ Pinhalão Œ Quatiguå Œ Ribeirão Claro Œ Ribeirão do Pinhal Œ Salto do ItararÊ ŒSantana do ItararÊ Œ Santo Antônio da Platina Œ São JosÊ da Boa Vista Œ SengÊs Œ Siqueira Campos ŒTomazina Œ Wenceslau Bråz

Filiado a Associação dos Jornais Diårio do Interior do Paranå

* Os artigos assinados nĂŁo representam necessariamente a opiniĂŁo do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


A-4 Geral

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Carteiros platinenses entram em greve Antônio de Picolli

CASO ISOLADOFuncionários querem a mudança para o prédio novo; eles reclamam da falta de ventilação e da escada de acesso ao lance superior Gladys Santoro

Os 15 carteiros de Santo Antônio da Platina entraram em greve na manhã de ontem. Às 10h30, o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Comunicações Postais (Sintcom-PR) fechou a entrada do prédio, localizado na rua Mare chal D e o doro, com faixas. A intenção é manter a paralisação por dois dias. Caso os problemas não se resolvam, a greve será por tempo indeterminado.

Desta vez, as reivindicações não são por melhores saláriais e sim por melhores condições de trabalho. A c at e g or i a re c l a m a d o imóvel atual, que é pequeno, sem ventilação e com es cada de acess o p ara o departamento de distribuição. Segundo os carteiros, todos os volumes, incluindo caixas grandes e pesadas são carregadas para o andar superior através de escada. Não existe rampas nem elevador. O diretor do Sinticom de Curitiba,

André Ricardo disse que há quatro anos, os funcionários veem reivindicando um lugar melhor. “Os Correios contrataram uma e mp r e s a p a r a c o n s t r u i r um imóvel adequado aos s e r v i ç o s . O p ré d i o e s t á pronto, mas a direção dos Correios se recusa a fazer a mudança alegando que a construção ficou 150 metros quadrados maior do que o esperado, e por isso, recusaram as novas instalações”, contou. O novo imóvel dos Cor-

COPAEstád com o Atlétic

Carteiros paralisaram atividades na manhã de ontem

Novo prédio dos Correios está pronto, mas sem uso

reios f ica na esquina da avenida Oliveira Mota com a r u a A r tu r Fr anc o, e m f rente ao C emitério São João Batista Os carteiros contam que além de terem que carregar os volumes nos braços pela e s c a d a , t anto n a su bi d a como na descida, a sala de distribuição tem ventilação precária. “dos quatro ventiladores, só um funciona, e mesmo assim, às vezes ele para. As janelas têm grades afixadas n lado de dentro, o que dificultaria uma fuga no caso de incêndio”, contaram os trabalhadores, que querem uma solução imediata para o problema. “Há quatro anos estamos pedindo essas melhorias. Nesse p erío do, deu-s e início a

SAÚDE

RELATÓRIO

Antônio de Picolli

Gove da B

construção do novo prédio. Agora, que ele está pronto, não podemos mudar. Isso é um desrespeito. Não se pode deixar funcionários trabalhando em condições tão precárias”, disseram. O Sintcom-PR aguarda em dois dias, uma posição da empresa. “Queremos que a direção dos Correios nos dê uma posição a respeito do assunto. Se eles disserem que vão encontrar outro l o c a l o u r e a d ap t a r e s s e mesmo prédio, nós esper are m o s , m a s qu e re m o s que eles se comuniquem conosco e que cumpram o prometido. Os carteiros estão trab a l h an d o e m c on d i ç õ e s desumanas”, disseram os

sindicalistas. O secretário de finanças do Sintcom, Alexandre Basílio, explicou que a paralisação foi notificada dentro da lei, através de edital. “O nt e m , u m a e q u i p e da direção dos C orreios de Londrina esteve aqui para tentar evitar a paralisação, e ameaçaram os trabalhadores de perderem diversos benef ícios caso aderissem ao movimento. Iss o é um absurdo, uma f a lt a d e re s p e it o a o s e r humano”, desabafou. O gerente eventual da agência de Santo Antônio da Platina, Antônio Arcângelo, recebeu a reportagem da Tribuna do Vale, mas preferiu não comentar o assunto.

PARANÁ

Fifa dá ulti da Copa

20 cidades da Amunorpi aderem População carcerária cresce quase 30% em cinco anos ao programa Telessaúde Da Redação

Na sexta-feira, 24, o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo estará em Jacarezinho para lançar na região o programa Telessaúde, promovido por uma parceria entre o governo do Estado e o Federal. Na ocasião, serão entregues equipamentos destinados ao setor de saúde aos 20 municípios da abrangência da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi) que aderiram ao programa: Barra do Ja-

Band.com.br

caré, Cambará, Conselheiro Mairinck, Figueira, Guarapirama, Ibaiti, Jaboti, Japira, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul, Pinhalão, Quatiguá, Ribeirão Claro, Salto do Itararé, Santana do Itararé, Santo Antônio da Platina, São José do Boa Vista, Siqueira Campos, Tomazina. O encontro será às 14 horas na Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Jacarezinho, na rua Padre Melo, 1200 – Centro. O Programa Telessaúde é uma parceria da Secretaria de

Estado da Saúde do Paraná com o Ministério da Saúde e as Universidades Estaduais de Cascavel, Londrina e Maringá e a Universidade Federal do Paraná. As Universidades comporão 4 núcleos técnico-científicos, que oferecerão a teleconsultoria, segunda opinião formativa e telediagnóstico, por meio do uso da tecnologia de informação. Nesta primeira etapa do programa serão atendidas 481 Unidades de Atenção Primária de 268 municípios.

Agência Brasil

ECONOMIA

Sicredi lança promoção Sorte em Campo Da Assessoria

Para aproveitar o clima de futebol e Copa do Mundo que toma conta do País, o Sicredi lança neste mês de janeiro mais uma promoção para seus associados: a Sorte em Campo Sicredi. A campanha está alinhada com outras ações, como a “Seu Cartão Sicredi Visa Bate um Bolão”, que levará 20 associados portadores do Cartão Sicredi Visa para assistir a jogos da Copa 2014, e o patrocínio do 100º Campeonato Paranaense de Futebol. Na Sorte em Campo Sicredi, a instituição financeira cooperativa distribuirá, até agosto, 25 prêmios semanais de R$ 30 mil e um prêmio final de R$ 250 mil a associados pessoas físicas e jurídicas, totalizando

O número de adultos encarcerados é superior a meio milhão de pessoas

R$ 1 milhão. Participam da promoção os associados que investirem em poupança, depósito à prazo (RDC / Sicredinvest), fundos de investimento e capital social ou que indicarem amigos e familiares convertidos em associação, conforme previsto no regulamento. A promoção se estende até o dia 31 de julho. Os sorteios serão semanais pela Loteria Federal. O primeiro será no dia 15 de fevereiro e o prêmio final será sorteado no dia 16 de agosto. Os números da sorte serão atribuídos aos associados pelas cooperativas de crédito de forma eletrônica, sem a necessidade de cadastro do participante. Os associados poderão consultar seus números e o regulamento completo no site da promoção - www.sorteemcamposicredi.

com.br, na sua unidade de atendimento ou pelo SAC Sicredi - 0800 724 7220. Sobre o Sicredi O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa com mais de 2,5 milhões de associados e 1.249 pontos de atendimento, em 10 Estados* do País. Organizado em um sistema com padrão operacional único conta com 101 cooperativas de crédito filiadas, distribuídas em quatro Centrais Regionais - acionistas da Sicredi Participações S.A. - uma Confederação, uma Fundação e um Banco Cooperativo que controla uma C orretora de S eguros, uma Administradora de Cartões e uma Administradora de Consórcios. Mais informações no site sicredi. com.br.

A população carcerária do país cresceu quase 30% nos últimos cinco anos, aponta o Relatório Mundial sobre Direitos Humanos, divulgado ontem, 21, pela organização não governamental Human Rights Watch (HRW). O número de adultos encarcerados é superior a meio milhão de pessoas, o que supera em 43% a capacidade do sistema prisional. Além disso, 20 mil adolescentes cumprem medidas socioeducativas com privação de liberdade. Os dados destacados no documento são do Sistema Integrado de Informações Penitenciárias (InfoPen), do Ministério da Justiça. Na avaliação da entidade, os atrasos no sistema de Justiça contribuem para a superlotação. Quase 200 mil presos aguardam julgamento. O estado do Piauí tem a maior taxa do Brasil, onde 66% dos presos são provisórios. Além do número excessivo de encarcerados, a falta de saneamento facilita a propagação de do-

enças. A HRW aponta que o acesso dos presos à assistência médica continua inadequado. A tortura em delegacias e centros de detenção é considerada um problema crônico pela organização. O documento relembra o caso de agentes de Segurança Pública do Paraná que foram denunciados criminalmente por espancamento, sufocamento e aplicação de choques elétricos a quatro homens. Segundo a denúncia, os policiais queriam forçá-los a confessar o estupro e o assassinato de uma menina de 14 anos, em julho do ano passado. “Autoridades responsáveis pela aplicação da lei que cometem abusos contra presos e detentos raramente são levados à Justiça”, critica a entidade. A condenação de 48 policiais pela morte de 111 detentos no presídio do Carandiru, em 1992, é uma exceção destacada pela HRW. O julgamento, no entanto, ocorreu mais de dez anos após as mortes. A entidade considera po-

sitiva a criação do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura, em agosto do ano passado. O mecanismo será formado por 11 peritos com poderes para fazer visitas periódicas a estabelecimentos civis e militares nos quais pessoas são privadas de liberdade. O documento destaca ainda a preocupação expressa pelo Grupo de Trabalho da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre Detenção Arbitrária, em março de 2013, em relação a longos períodos de prisão provisória e à falta de assistência jurídica pública para os detentos. Esta é a 24ª edição do Relatório Mundial sobre Direitos Humanos, que avalia as práticas adotadas em mais de 90 países. No capítulo que trata do Brasil, além das condições carcerárias, são analisadas ainda as mortes de policiais, a violência de gênero, os direitos trabalhistas, a violência no campo, a liberdade de expressão e informação, além da política externa do país na área de direitos humanos.

SÉRIE A

Cartola d


valor e rabalho

mpresas, mestrado em presidente do Grupo

TRIBUNA DO VALE

Política A-3

Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Diretas Já une PMDB e PSDB

Divulgação

ENCONTRO Em Curitiba, PMDB se reúne com PSDB para comemorar 30 anos das Diretas Já AEN

O encontro na noite de segunda-feira, 20, em comemoração aos 30 anos do comício das Diretas Já em Curitiba serviu para aproximar mais o PMDB do PSDB e outros partidos que fazem parte da base de apoio do governador Beto Richa (PSDB). “Não é momento para se falar em eleições, mas é um momento de boas lembranças e de cumprimentar os companheiros que lutaram pela retomada da democracia no país”, disse Beto Richa. A presença de Richa num encontro organizado pelo PMDB, na sede do diretório do partido, foi considera “sintomática” para as eleições de outubro. “O PMDB faz parte do nosso governo e espero sempre contar com apoio do partido nas mudanças que estão sendo feitas no Paraná”,

disse Richa. Além de Richa e de ativistas políticos históricos, a reunião teve a presença dos senadores Alvaro Dias (PSDB) e Sergio Souza (PMDB), dos deputados federais Osmar Serraglio (PMDB), Luiz Carlos Hauly (PSDB), Cezar Silvestri (PPS), dos deputados estaduais Teruo Kato (PMDB), Luiz Claudio Romanelli (PMDB), Stephanes Junior (PMDB), Nereu Moura (PMDB), dos vereadores Paulo Salamuni (PV), presidente do legislativo de Curitiba, e de Celso Torquato (PSD). HISTÓRIA “O PMDB reencontra com sua própria história. O partido não foi o único responsável pela realização das Diretas, mas foi o vetor das aspirações, das mudanças, da democracia no nosso país. Tudo isso passou pelo

Encontro serviu para aproximar ainda mais os partidos

MDB e pelo PMDB”, disse Romanelli, organizador do encontro. A presença de Richa foi justificada pelo ex-governador Orlando Pessuti, secretário-geral do PMDB. “José Richa, pai do governador, foi fundador do MDB e do PMDB, primeiro eleito após a volta das eleições para Governo do Estado em 1982. Um dos responsáveis no Estado pelas Diretas Já e uma das principais lideranças no Congresso Nacional na elaboração da Constituição de

1988”, disse Pessuti. “É impossível não ter um pouco do PMDB dentro de cada um de nós. A gente sai do PMDB, mas o PMDB não sai da gente. Eu também queria dizer que podem ter várias versões para a história das Diretas, mas ninguém tentará ousar tirar do PMDB a honra de ter sido o partido que conduziu o processo da vitória das Diretas no país”, disse o senador Alvaro Dias. Aliança O presidente do PMDB do Paraná, deputado Osmar Serra-

glio, também preferiu pontuar as convergências entre os dois partidos. “O governador Beto Richa tem feito um bom governo e a participação do PMDB nas eleições de outubro deve se definir logo, até março, mas os deputados e parte considerável dos convencionais indicam a preferência pela aliança com o PSDB”, disse Serraglio, principal cotado no partido para ocupar a vice-candidatura de Richa em 2014. Beto Richa encerrou o encontro lembrando que cresceu dentro do PMDB ao

acompanhar seu pai, José Richa. “Eu cresci acompanhando meu saudoso pai, José Richa, dentro do PMDB, em um ambiente político saudável, com inúmeras reuniões que aconteciam com muita frequência na minha casa. Quantas vezes ví Ulysses Guimarães, Franco Montoro, Mário Covas, Brizola. Cresci e minha formação política se forjou dentro deste ambiente. E como disse o Álvaro, é impossível não ter um pouco do PMDB dentro de cada um de nós”, destacou.

PRE-CONVENÇÃO

EDUCAÇÃO

Flavio Arns assina reconstrução de escola Base de Dilma estadual que pegou fogo em Carlópolis deve apoiar Richa no Paraná Divulgação

Da Redação

O vice-governador e secretário de Educação do Paraná, Flávio Arns, esteve esta semana em Carlópolis onde assinou o contrato de reconstrução da Escola Estadual Hercilia de Paula e Silva, que foi destruída por um incêndio no mês passado. Estavam presentes: gestores, professores, alunos, pais, vereadores, policia militar e representantes do Núcleo Regional de Educação de Jacarezinho e da sociedade civil. O secretário afirmou que as visitas têm como objetivo conhecer a realidade de cada escola. “Desde que assumi tenho visitado escolas em todo estado. A educação é prioridade no governo de Beto Richa”, disse. Flavio Arns falou a respeito da necessidade da escola retornar as suas atividades escolares, cientes que a reconstrução demorará cerca de seis meses. “Mas a comunidade receberá uma nova escola, bonita e aconchegante”, afirmou.. “É bom conversamos com

Da Assessoria

Flavio Arns e equipe do NRE estiveram na escola que pegou fogo

professores e funcionários de cada escola e juntos pensarmos o que podemos fazer para melhorar. O bom resultado da Educação depende do esforço de todos nós”, falou. A chefe do Núcleo Regional da Educação, professora

Silvia Regina de Souza, disse que a valorização e incentivo aos alunos são as ferramentas necessárias para melhorar o nível da educação no Estado. Enquanto a escola não fica pronta, NRE e prefeitura de Carlópolis procuraram salas

para acomodar os cercxa de 900 alunos do colégio destruído pelo incêndio. A ala do estabelecimento que não foi atingida será utilizada. O restante do prédio está sendo demolido para o início das obras de reconstrução.

TCE

Multas aplicadas aos maus gestores sobem até 418% Da Assessoria

Os administradores estaduais e municipais que cometerem irregularidades na gestão dos recursos públicos terão de arcar com aumento de até 418,81% nas multas impostas pelo Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR). O reajuste vigora desde 10 de janeiro, data da publicação da Lei Complementar 168, no Diário Oficial do Poder Executivo nº 9122. A lei foi aprovada pela Assembleia

Legislativa na sessão de 18 de dezembro, a partir de anteprojeto encaminhado pelo TCE-PR. Com o aumento, a menor multa aplicada pelo órgão de controle externo foi para R$ 752,80 e a maior, para R$ 3.764,00. O índice médio de reajuste aplicado às sanções é de 237,24%. A maior variação incidiu sobre os valores previstos nos Incisos I e II do Artigo 87 da Lei Orgânica do TCE (Lei Complementar Estadual

113/2005): 418,81%. Com isso, as multas passaram, respectivamente, para R$ 752,80 e R$ 1.505,60 (ver tabela). No caso da multa mais alta - prevista no Inciso V - o índice aplicado foi de 29,75%. O Artigo 87 da Lei Orgânica é o dispositivo que regula a aplicação das multas aos gestores públicos por parte do Tribunal. Defasagem “Um dos motivos do reajuste foi a defasagem dos valores. O Tribunal Paranaense detinha a

19ª posição no quesito ?valor absoluto das multas’ entre as 21 cortes de contas do País”, revela o presidente do TCE, conselheiro Artagão de Mattos Leão. Entre os três Estados do Sul, era o último colocado. E quanto ao valor médio das sanções aplicadas aos gestores (R$ 973,66), também estava na penúltima posição, à frente apenas do TCE de Santa Catarina (R$ 871,44) e Roraima (R$ 621,64) - números com base no exercício de 2012.

O governador Beto Richa deve ter apoio de partidos que apoiarão a presidente Dilma Rousseff (PT) nas eleições de outubro. Na lista estão PMDB, PP, PSD, PTB, PSC, PR e Pros. Os quatro primeiros já fazem parte do governo e da base de apoio do tucano na Assembleia Legislativa. Richa já tem apoio do PSDB, seu partido, e partidos como DEM, PSB, SDD, PPS, PTB e SDD já afirmaram que caminharão com o tucano em outubro. Richa terá ainda apoio de dois palanques nacionais: Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). O PMDB deve fechar sua decisão até março. As últimas diferenças com o PT, no plano nacional, ajudam Richa. No Paraná, o partido está dividido em três alas: a dos deputados federais e estaduais, a do ex-governador Orlando Pessuti e do senador Roberto Requião.

Os convencionais sob a órbita dos deputados, o que inclui prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, representam até 50% do diretório. O grupo de Pessuti pode representar mais 30% do diretório e da Requião, entre 20% e 25%. Na pré-convenção, que pode ser realizada até março, duas teses serão votadas: a de candidatura própria ou a de alianças. Pessuti e Requião convergem para candidatura própria, mas não têm maioria. “Temos maioria para votar a tese que formos defender”, adianta um deputado. No PSC é mais provável que o deputado federal Ratinho Junior, atual secretário de Desenvolvimento Urbano, caminhe com Richa e dispute a Assembleia Legislativa. No lado do PP, do secretário Ricardo Barros (Indústria e Comércio), a tensão é pela indicação da vice-candidatura. A cotada é sua mulher, a deputado federal Cida Borgheti, hoje no comando do Pros no Paraná.


TRIBUNA DO VALE

A-6 Atas & Editais PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTĂ”NIO DA PLATINA EDITAL DE CONVOCAĂ‡ĂƒO NÂş 001/14 O Prefeito Municipal de Santo AntĂ´nio da Platina, Estado do ParanĂĄ, no uso das atribuiçþes que lhe sĂŁo conferidas por Lei e, de conformidade com o OfĂ­cio nÂş 001/14 protocolado sob nÂş 000210/14 do Departamento de Recursos Humanos, resolve: I – CONVOCAR os candidatos abaixo relacionados, aprovado no Concurso PĂşblico Municipal, homologado atravĂŠs do Decreto nÂş 139/10, de 12 de maio de 2010, para comparecer na DivisĂŁo de Recursos Humanos desta Prefeitura Municipal, no prazo de 03 (trĂŞs) dias, contados da data da publicação, como segue: RELAĂ‡ĂƒO DOS CONVOCADOS Cargo: AUXILIAR ADMINISTRATIVO I 1. FERNANDA LHAMAS DOS SANTOS 2. ANDRÉ LUCIANO DE OLIVEIRA 3. CÉLIA REGINA RIBEIRO NEVES II – O candidato convocado deverĂĄ comparecer munido dos seguintes documentos: 1. CertidĂŁo constando que, em exercĂ­cio da função pĂşblica, nĂŁo sofreu penalidade por prĂĄtica de atos desabonadores. 2. 02 (duas) fotos 3 x 4; 3. CTPS; 4. FotocĂłpia autenticada do RG, do CIC, do PIS/PASEP, da CTPS, do TĂ­tulo de Eleitor (com comprovante de votação na Ăşltima eleição), da CertidĂŁo de Nascimento (se for solteiro), ou de Casamento (se for casado), do comprovante de escolaridade, da Carteira da Ordem de Classe, do &HUWLÂżFDGRGH5HVHUYLVWDRXGHTXLWDomRFRPR6HUYLoR0LOLWDU VHIRUGR sexo masculino e menor de 45 anos), da CertidĂŁo de Nascimento dos ÂżOKRV VHRVSRVVXLU  5. Atestado de saĂşde expedido pelo Ă“rgĂŁo Municipal de SaĂşde. 6. Declaração de acĂşmulo ou nĂŁo, de emprego, cargo ou função pĂşblica nas esferas municipal, estadual ou federal; 7. Declaração de que nĂŁo percebe proventos de aposentadoria do Regime PrĂłprio da PrevidĂŞncia Social, em atendimento ao disposto no § 10, do Artigo 37 da Constituição Federal e da Emenda Constitucional nÂş 20/98. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTĂ”NIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANĂ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALĂ?CIO DIAS DOS REIS, aos 20 de janeiro de 2014. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTĂ”NIO DA PLATINA EDITAL DE CONVOCAĂ‡ĂƒO NÂş 001/14 O Prefeito Municipal de Santo AntĂ´nio da Platina, Estado do ParanĂĄ, no uso das atribuiçþes que lhe sĂŁo conferidas por Lei e, de conformidade com o ofĂ­cio nÂş 010/14-Secretaria Municipal de SaĂşde, protocolado sob nÂş 000333/14 em 15/01/2014, CONSIDERANDO o Decreto nÂş 139/13 de 20 de março de 2013; RESOLVE: I – CONVOCAR os candidatos abaixo relacionados, aprovado no TESTE SELETIVO SIMPLIFICADO NÂş 01/2013 – Agentes comunitĂĄrios, KRPRORJDGRDWUDYpVGR(GLWDOGH7HVWH6HOHWLYR6LPSOLÂżFDGRQžÂą &ODVVLÂżFDomR)LQDOGHGHDEULOGHSDUDFRPSDUHFHUQD'LYLVmR de Recursos Humanos desta Prefeitura Municipal, no prazo de 01 (um) dia, contados da data da publicação, como segue: RELAĂ‡ĂƒO DOS CONVOCADOS: 01- ESTELA BRITO BARBOSA 02- KARLA DAYANA APARECIDA ALVES 03- CRISTIANO CÉSAR FIGUEIREDO 04- LEANDRO CARLOS ROCHA 05- BRUNA NATAL DE MIRA 06- JACQUELINE FERNANDES DO PRADO 07- LUĂ?S FELIPE BERTOLINI MARIANO 08- VERA LĂšCIA DEVELIS 09- ROSELINA FERNANDES 10- LUCIANA PEREIRA CARDOSO 11- JOSIANE APARECIDA DA SILVA II – O candidato convocado deverĂĄ comparecer munido dos seguintes documentos:  &RPSURYDURSUHHQFKLPHQWRGRVUHTXLVLWRVHVSHFtÂżFRVPHGLDQWH apresentação de documentos competentes; 2. Encontrar-se no pleno exercĂ­cio dos Direitos Civis e PolĂ­ticos; 3. Comprovante de Escolaridade (original); 4. FotocĂłpia do RG, CPF, TĂ­tulo de Eleitor; 5. FotocĂłpia da certidĂŁo de nascimento/casamento; 6. 01 (uma) foto 3x4; 7. FotocĂłpia do comprovante de endereço; 8. Atestado MĂŠdico Admissional (expedido pelo MĂŠdico do Trabalho da Prefeitura). GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTĂ”NIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANĂ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALĂ?CIO DIAS DOS REIS, aos 20 de janeiro de 2014. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE PREGĂƒO PRESENCIAL NÂş 04/2014 Objeto: Contratação de Empresas para Prestação de Serviços MĂŠdicos(PlantĂľes) para o Departamento de SaĂşde do MunicĂ­pio de Tomazina. A Prefeitura Municipal de Tomazina, atravĂŠs da comissĂŁo de Licitaçþes, torna pĂşblico para conhecimento dos interessados que realizarĂĄ a licitação referente ao PREGĂƒO PRESENCIAL n.Âş 04/2014. Abertura da Licitação: 15:00 horas do dia 03/02/2014. Local da Abertura: Prefeitura Municipal de Tomazina – Rod. Avelino AntĂ´nio Vieira, 117 – Tomazina – PR. A cĂłpia do Edital, bem como maiores esclarecimentos estarĂŁo Ă  disposição dos interessados de segunda Ă  sexta-feira, das 8h Ă s 11h30min., atĂŠ vinte e quatro horas antes do certame, e pelo email:licitação_tomazina@hotmail.com. Tomazina, 21 de janeiro de 2014. PREGOEIRO OFICIAL PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA AVISO DE PREGĂƒO PRESENCIAL NÂş 06/2014 Objeto: AQUISIĂ‡ĂƒO DE MATERIAL DE CONSTRUĂ‡ĂƒO PARA O DEPARTAMENTO DE OBRAS DO MUNICĂ?PIO DE TOMAZINA. A Prefeitura Municipal de Tomazina, atravĂŠs da comissĂŁo de Licitaçþes, torna pĂşblico para conhecimento dos interessados que realizarĂĄ a licitação referente ao PREGĂƒO PRESENCIAL n.Âş 06/2014. Abertura da Licitação: 09:00 horas do dia 04/02/2014. Local da Abertura: Prefeitura Municipal de Tomazina – Rod. Avelino AntĂ´nio Vieira, 117 – Tomazina – PR. A cĂłpia do Edital, bem como maiores esclarecimentos estarĂŁo Ă  disposição dos interessados de segunda Ă  sexta-feira, das 8h Ă s 11h30min., atĂŠ vinte e quatro horas antes do certame, e pelo email:licitação_tomazina@hotmail.com. Tomazina, 20 de janeiro de 2014. PREGOEIRO OFICIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA DECRETO NÂş 821/2014 $WXDOL]DSDUDRH[HUFtFLRGHD3ODQWDGHYDORUHVXWLOL]DGDSDUDÂżQVGH lançamento de Imposto Predial Territorial Urbano e demais Taxas, e dĂĄ outras providencias. O CIDADĂƒO PEDRO DE OLIVEIRA, PREFEITO MUNICIPAL DE GUAPIRAMA, ESTADO DO PARANĂ , NO USO DAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SĂƒO CONFERIDAS PELA LEI ORGĂ‚NICA DO MUNICĂ?PIO, ATUALIZA PARA O EXERCĂ?CIO DE 2014, A PLANTA DE VALORES UTILIZADA PARA FINS DE LANÇAMENTO DE IMPOSTO PREDIAL TERRITORIAL URBANO E DEMAIS TAXAS E DĂ OUTRAS PROVIDĂŠNCIAS. DECRETA $UWž)LFDGHYLGDPHQWHDWXDOL]DGRDSODQWDGHYDORUHVXWLOL]DGRVSDUDÂżQV de lançamento do Imposto Predial e Territorial Urbano e demais taxas, constantes na Lei Municipal nÂş 224/2010 (CĂłdigo TributĂĄrio Municipal) e, conforme Ă­ndice de variação do IGP-M/FGV, ocorrida nos Ăşltimos 12 (doze) meses, em 5,52 % (cinco vĂ­rgula cinqĂźenta e dois por cento), para o exercĂ­cio de 2014. Art. 2Âş - Este decreto entrarĂĄ em vigor a partir da presente data, com efeito retroativo a partir de 01 de janeiro de 2014, revogadas as disposiçþes em contrĂĄrio. Gabinete do Prefeito Municipal de Guapirama, aos 21 (vinte e um) dias do mĂŞs de Janeiro de 2014. Pedro de Oliveira - Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA DECRETO NÂş 822/2014 DispĂľe sobre o pagamento do Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU para o exercĂ­cio de 2014, e dĂĄ outras providencias. O PREFEITO MUNICIPAL de Guapirama, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes que lhe sĂŁo conferidas pela Lei Orgânica do MunicĂ­pio e, Considerando o Art. 175 da Lei n° 224 de 29 de Dezembro de 2010 (CĂłdigo TributĂĄrio do MunicĂ­pio de Guapirama), que trata do lançamento do Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU; Considerando o Art. 180, § 2Âş da Lei n° 224 de 29 de Dezembro de 2010 (CĂłdigo TributĂĄrio do MunicĂ­pio de Guapirama), que trata do pagamento e parcelamento do Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU; DECRETA: Art. 1Âş- Fica estabelecido o desconto de 15% (quinze por cento), sobre os valores referentes ao IPTU - Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana, para pagamento em parcela Ăşnica atĂŠ a data de 10/03/2014. Art. 2Âş - Fica autorizado o pagamento do IPTU de forma parcelada em atĂŠ 04 (quatro) parcelas mensais, com desconto de 10% (dez por cento), atĂŠ a data de cada vencimento: 1ÂŞ Parcela – vencimento em 10/03/2014; 2ÂŞ Parcela – vencimento em 10/04/2014; 3ÂŞ Parcela – vencimento em 10/05/2014; 4ÂŞ Parcela – vencimento em 10/06/2014. Art. 3Âş - Este decreto entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposiçþes em contrĂĄrio. Gabinete do Prefeito Municipal de Guapirama, aos 21 (vinte e um) dias do mĂŞs de Janeiro de 2014. Pedro de Oliveira Prefeito Municipal MUNICĂ?PIO DE CAMBARà – PR PREGĂƒO PRESENCIAL 73/2013 +RPRORJR SDUD WRGRV RV ÂżQV GH GLUHLWR R REMHWR GR SURFHGLPHQWR licitatĂłrio sob PregĂŁo nÂş 73/2013 Ă (s) empresa(s): VIANNA & NOSSE LTDA ME – CNPJ: 08.297.388/0001-46 com o valor global de R$ 18.950,00 (dezoito mil novecentos e cinquenta reais). CambarĂĄ, 21 de janeiro de 2014. JOĂƒO MATTAR OLIVATO PREFEITO MUNICIPĂ?O DE CAMBARĂ EXTRATO DO CONTRATO DE FORNECIMENTO SOB N.Âş 35-2013 TOMADA DE PREÇOS NÂş 03/2013 – CONTRATAĂ‡ĂƒO ASSESSORIA JURĂ?DICO-ADMINISTRATIVA CONTRATANTE: MunicĂ­pio de CambarĂĄ – ParanĂĄ CONTRATADA: ANSELMO APARECIDO DE OLIVEIRA CNPJ: 12.140.709/0001-71 OBJETO: CONTRATAĂ‡ĂƒO DE OFICINEIROS PARA ATENDER AS NECESSIDADES DA SECRETARIA DE ASSISTĂŠNCIA SOCIAL, FRQIRUPHHVSHFLÂżFDo}HVHTXDQWLGDGHVGHYDJDVFRQVWDQWHVQRDQH[R I deste Instrumento. VALOR CONTRATUAL MENSAL: R$ 900,00 (novecentos reais) VIGĂŠNCIA: 06 (SEIS) MESES. CambarĂĄ 21 de janeiro de 2014. JOĂƒO MATTAR OLIVATO PREFEITO DO MUNICĂ?PIO DE CAMBARĂ PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTĂ”NIO DA PLATINA EDITAL O Presidente da ComissĂŁo de Processo Administrativo Disciplinar nÂş LQVWDXUDGDSRUPHLRGD3RUWDULDQžQRWLÂżFDD6U-26e CARLOS DOS SANTOS, servidor pĂşblico do MunicĂ­pio de Santo AntĂ´nio da Platina, ocupante do cargo de Auxiliar de Serviços PĂşblicos, residente no Distrito do Monte Real, Estado do ParanĂĄ, a comparecer no dia 27 de janeiro de 2014, Ă s 9:00 horas, na sala da Junta de Serviço Militar, sito a 5XD5XL%DUERVD(GLItFLR3DOiFLRGR&RPpUFLRžDQGDUDÂżPGHVHU LQWHUURJDGRÂżFDQGRWDPEpPQRWLÂżFDGRGHTXHSRGHUiHVWDUDFRPSDQKDGR de seu advogado e/ou testemunhas de defesa em nĂşmero mĂĄximo de trĂŞs, e ainda apresentar outras provas de seu interesse. Santo AntĂ´nio da Platina, 21 de janeiro de 2014. Luiz Antonio Xavier Dias Presidente da ComissĂŁo EDITAL DE CONVOCAĂ‡ĂƒO DE POSSE CONCURSO PĂšBLICO NÂş 001/2009 O Prefeito Municipal de RibeirĂŁo do Pinhal, Dartagnan Calixto Fraiz, brasileiro, casado, Prefeito, inscrito no CPF sob nÂş 171.895.279-15. No uso de suas atribuiçþes legais, Convoca os candidatos aprovados no Concurso PĂşblico 001/2009, no Cargo de Professor(a), seguindo rigorosamente a RUGHPGHFODVVLÂżFDomRSDUDDSUHVHQWDURVGRFXPHQWRVH[LJLGRVHWRPDU posse de seu respectivo cargo, atĂŠ o dia 24 de Janeiro de 2014, conforme relação abaixo. PROFESSOR(A): Classif. Candidato RG 64 Melina Ribeiro Fernandes 25384635-3 65 Jorge Tadeu dos Santos 36767790 66 Douglas Rodrigues da Costa 124299063 67 Suzana Luiza Teixeira 56494162 O nĂŁo comparecimento no prazo legal implicarĂĄ na desistĂŞncia GR FODVVLÂżFDGR SRGHQGR D 3UHIHLWXUD 0XQLFLSDO FRQYRFDU R FDQGLGDWR imediatamente posterior, obedecendo rigorosamente Ă  ordem de FODVVLÂżFDomR RibeirĂŁo do Pinhal, 20 de Janeiro de 2014. DARTAGNAN CALIXTO FRAIZ - Prefeito Municipal -

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRĂƒO DO PINHAL = P O R T A R I A 008/2014= O Senhor Dartagnan Calixto Fraiz, Prefeito Municipal de RibeirĂŁo do Pinhal, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes legais e na forma da Lei. RESOLVE EXONERAR, a pedido, o funcionĂĄrio PĂşblico Municipal, Sr. Anderson Mendes de Campos, com o Cargo de Auxiliar de serviços gerais, a partir de 06/01/2014 do corrente exercĂ­cio. REGISTRE-SE E PUBLIQUE-SE EdifĂ­cio da Prefeitura Municipal de RibeirĂŁo do Pinhal, Estado do ParanĂĄ, aos vinte e um dias do mĂŞs de Janeiro do ano dois mil e quatorze. Gabinete do Prefeito. Dartagnan Calixto Fraiz Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ - PARANĂ AVISO DE EDITAL DE LICITAĂ‡ĂƒO Modalidade Tomada de Preço 001/2014 1.0. DO OBJETO: 1.1. 1.1.2 Aquisição de Produtos da Merenda Escolar. Valor MĂĄximo da licitação ĂŠ de R$ 79.817,65 (Setenta e Nove Mil, Oitocentos Dezessete Reais e Sessenta e Cinco Centavos). 2.0. DA ABERTURA E RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: 2.1. A data da abertura das propostas serĂĄ no dia 06/02/2014, Ă s 14:00 horas, na sala de reuniĂľes da ComissĂŁo de Licitação, da Prefeitura Municipal de Barra do JacarĂŠ, na Rua Rui Barbosa n.Âş 96. 2.2. O prazo mĂĄximo para protocolo e apresentação das propostas pelos interessados serĂĄ atĂŠ 14:00 horas, do dia 06/02/2014, quando acontecerĂĄ a abertura dos envelopes. 3.0. DO JULGAMENTO DAS PROPOSTAS: 3.1. SerĂĄ considerado vencedor o licitante que oferecer o objeto compatĂ­vel com o anexo I do edital, pelo menor preço por item. 4.0. DO FORNECIMENTO DO EDITAL: 4.1. EstĂĄ disponĂ­vel aos interessados o texto integral do Edital de Licitação Tomada de Preço, nÂş 01/2014, no site www.pmbarradojacare. pr.gov.br, ou na sede da Prefeitura Municipal de Barra do JacarĂŠ - PR, informaçþes pelo fone Fax - 43-35371212, conforme ParĂĄgrafo 1Âş do art. 21 da lei 8.666/93. Paço Municipal JosĂŠ Galdino Pereira de Barra do JacarĂŠ - PR, em 21 /01/2014. _____________________________ Luciana Aguiar Cruz Dutra Presidente da CPL

Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

A RTIGO Orlando Oda

O verdadeiro valor e signiďŹ cado do trabalho A base fundamental, o alicerce da vida para construir a felicidade, ĂŠ conceituar corretamente as coisas do mundo em que vivemos. Para isso ĂŠ preciso ter a visĂŁo correta das coisas. Baseado nessa visĂŁo, traça-se um plano de vida. Inconscientemente, cada pessoa segue o plano de vida que ela prĂłpria traçou. É o determinante para ser feliz ou infeliz. Dedicamos a metade do tempo da nossa vida ao trabalho. Se nĂŁo tivermos a visĂŁo correta dele, seremos infelizes pelos menos a metade da nossa vida. Passaremos o dia desmotivado, cansado de esperar a hora de ir embora. Apesar de gastarmos pouca energia, estaremos extenuados do trabalho. Quem vive assim, se sente cansado porque precisa passar o dia vigiando o chefe, para nĂŁo ser pego sem trabalhar. NĂŁo consegue relaxar nem um segundo porque precisa aparentar o tempo todo que estĂĄ trabalhando. Cansa muito mais do que se estivesse trabalhando de verdade. Gasta muito mais energia para estar vigilante. O trabalho passa a ser castigo e sofrimento. A palavra trabalho em japonĂŞs ĂŠ representada pelo kanji ! , ou seja hata-raku. “Hataâ€? tem o significado de pessoa ao lado e “rakuâ€? ĂŠ aliviar. Assim o significado do trabalho ĂŠ aliviar, facilitar o prĂłximo. Esse kanji ĂŠ composto de 3 letras: !(hito), duas pessoas se apoiando, !! (omosa), movimentar peso, ! (tikara), força. Descrevendo, tem-se a cena de uma pessoa ajudando outra, fazendo força para movimentar alguma coisa pesada. Vamos imaginar a cena: JoĂŁo precisa levar uma carroça pesada por uma subida de um quilometro de comprimento e contrata Pedro para ajudĂĄ-lo. Pedro empurra a carroça por um quilĂ´metro. O tempo gasto foi de uma hora. A ação de empurrar a carroça aliviou, facilitou e proporcionou felicidade ao JoĂŁo. Pedro executou um trabalho por uma hora e gerou uma riqueza. O trabalho gera riqueza, seja ele advindo de um serviço ou produto. A riqueza ĂŠ qualquer coisa que possui duas qualidades: a) aliviar, facilitar, b) proporcionar alegria ao prĂłximo. O trabalho ĂŠ o ato de dar a parcela da vida, tempo, a alguĂŠm. É o maior ato de doação, ĂŠ o ato de dar a coisa mais preciosa que temos, que ĂŠ a vida. Qual ĂŠ o valor do trabalho, ou seja, custo hora/homem do trabalho? A fĂłrmula ĂŠ o valor da vida dividido pelo saldo de horas de vida. Suponhamos uma pessoa com 50 anos, com expectativa de viver mais 30 anos. O saldo de horas de vida ĂŠ 262.800 horas (24 x 365 x 30). Por quanto venderia o saldo de 30 anos de vida? Provavelmente um valor imensurĂĄvel (infinito). O custo hora/homem do trabalho no caso do exemplo ĂŠ ∞ / 262.800 horas = ∞ (infinito). Por mais alto que se venda uma hora de trabalho, dez, mil ou um milhĂŁo de reais, este ĂŠ um pĂŠssimo negĂłcio. O que fazer entĂŁo? Nunca venda as horas de trabalho. FarĂĄ o pior negĂłcio da sua vida. Qualquer valor, por melhor que seja, nunca irĂĄ pagar o real valor da hora/homem. NĂŁo importa se o seu trabalho seja lavador de pratos ou “Grand Chef â€?. O dinheiro nĂŁo ĂŠ a medida do valor do ser humano, nem do trabalho que executa. Somos na verdade, muito superiores Ă  imagem que fazemos de nĂłs mesmos. O real valor precisa ser reconhecido somente por si prĂłprio. É necessĂĄrio que a prĂłpria pessoa reconheça o seu valor, sem se importar com a profissĂŁo, trabalho, quanto ganha, opiniĂŁo dos outros. Como ĂŠ que outros irĂŁo respeitar valorizar e tratar bem alguĂŠm que despreza a si prĂłprio? Um dos primeiros filĂłsofos do mundo, SĂłcrates, disse: “Conhece-te a ti mesmoâ€?. É o ponto de partida, a base fundamental para construir uma vida equilibrada, feliz. É o autoreconhecimento do verdadeiro valor e significado do trabalho que determina se vocĂŞ serĂĄ feliz ou infeliz trabalhando. Seu saldo de horas estĂĄ caindo a cada hora. NĂŁo espere que elas se esgotem para ter a visĂŁo correta da vida.

Dire une P e PSD

ENCONTRO PMDB se re para comem Diretas JĂĄ

Â?EDUCAĂ‡ĂƒO

Flavio A estadua

Da R

Orlando Oda ĂŠ administrador de empresas, mestrado em administração ďŹ nanceira pela FGV e presidente do Grupo AďŹ xCode.

Â?TCE

Multas maus g

Da Ass


greve

Esporte A-5

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Governo se esforça para garantir Arena da Baixada na Copa, diz ministro COPAEstádio terminou o mês de dezembro com 88,80 por cento das obras concluídas, de acordo com o Atlético Paranaense, proprietário da arena UOL

O governo federal está empenhado em garantir a permanência na Copa do Mundo de 2014 do estádio Arena da Baixada, em Curitiba, afirmou o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta terça-feira. O estádio terminou o mês de dezembro com 88,80 por cento das obras concluídas, de acordo com o Atlético Paranaense, proprietário da arena. “Todo nosso esforço é no sentido de tomar as medidas que garantam o estádio do Paraná na Copa do Mundo de 2014. Esse é o esforço que nós estamos fazendo”, afirmou o ministro após participar de encontro da presidente

Dilma Rousseff com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, no Palácio do Planalto. Uma comitiva da Fifa chefiada pelo secretário-geral da entidade, Jêróme Valcke, fez uma visita de inspeção ao local nesta terça para acompanhar os andamentos das obras e reunir-se com as autoridades locais. O ministro, que não acompanhou a visita da Fifa à arena devido ao compromisso com a presidente, disse que conversou na segunda-feira com o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), e com o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), para tratar sobre o andamento das obras no estádio. O prazo original estipulado

pela Fifa para a conclusão da Arena da Baixada era dezembro do ano passado, mas as obras não ficaram prontas, assim como nos outros cinco estádios da Copa do Mundo que não foram utilizados na Copa das Confederações de 2013. De acordo com o governo paranaense, a previsão atual é realizar um jogo no final de fevereiro entre operários e convidados, sem a presença de público. O primeiro jogo oficial só aconteceria no fim de março. A Copa do Mundo começa em 12 de junho. Em agosto do ano passado, o secretário-geral da Fifa visitou o estádio e ficou acertado com o Atlético Paranaense que o local não terá uma cobertura retrátil na

Comitiva da Fifa inspecionou o local na terça para acompanhar os andamentos das obras

Copa, como havia planejado o clube, para não atrasar ainda mais o andamento dos trabalhos. A Justiça do Trabalho determinou em outubro a pa-

ralisação das obras devido a riscos aos trabalhadores, mas o Atlético disse que as obras não precisaram ser interrompidas para a adequação. A arena vai receber quatro

jogos da Copa, todos pela primeira fase. A reforma do estádio, que terá capacidade ampliada para 43 mil torcedores, tem custo orçado em 326 milhões de reais.

DIREÇÃO NÃO QUER

PARANÁ

Fifa dá ultimato e ameaça tirar Curitiba Atacante procura o da Copa se obras não avançarem São Paulo e pede para voltar Divulgação

cresce anos Ricardo Oliveira atuou no São Paulo em 2006 e 2010: pediu para voltar, mas diretoria não quer Reforma da Arena da Baixada vai chegando a estágios mais avançados UOL

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, deu um ultimato aos responsáveis pela organização da Copa do Mundo em Curitiba nesta terça-feira, 21. Se as obras na Arena da Baixada não avançarem até 18 de fevereiro, quando uma nova visita da Fifa ao estádio está marcada, a cidade pode ser excluída do Mundial. Estão previstos quatro jogos da Copa no município. “O que dizer? A questão é delicada. Sejamos francos e diretos. Como devem saber, a situação atual do estádio não é do nosso agrado. Não apenas está muito atrasado, mas foge a qualquer bom cronograma de entrega para a Fifa”, afirmou Valcke, em coletiva de impren-

sa no início desta terça-feira. Um projeto para aumentar o ritmo das obras na Arena da Baixada foi apresentado a Valcke pelos governos federal, do estado e do município, além da CAP/SA, empresa criada pelo Atlético Paranaense para tocar a reforma do estádio. O plano, detalhado durante a coletiva, tem três medidas. A obra deixará de ser gerenciada apenas pela CAP/ SA. Um comitê gestor, que terá, também, integrantes dos governos do Estado e do município, será o responsável por acompanhar os trabalhos na Arena da Baixada e a execução financeira do projeto. O segundo ponto é o aumento no número de trabalhadores. A Fifa já havia recomendado que a empreiteira

aumentasse em 30% a quantidade de operários, o que ainda não foi feito. Consultor de arenas da Fifa, Charles Botta, havia pedido, semana passada, que o número de trabalhadores subisse de 1.000 para 1.500. Um terceiro turno é estudado. A terceira medida anunciada nesta terça-feira foi a liberação de mais R$ 39 milhões por meio de um financiamento da Fomento Paraná, empresa do governo do Estado criada para financiar projetos. “Mantido o ritmo das obras, [a arena~não ficará pronta com a qualidade e os requisitos necessários para a Copa de 2014. É uma constatação de todos os envolvidos”, disse o secretário-executivo do Ministério dos Esportes, Luís Fernandes.

UOL

O atacante Ricardo Oliveira procurou o São Paulo nas últimas semanas e se ofereceu para o clube. O jogador de 33 anos, que defendeu o clube do Morumbi em 2006 e 2010, por empréstimo, rescindiu nos ú lt i mo s d i as o c ont r ato c om o A l Ja z i r a ( E AU ) , no qual atuou durante as últimas três temporadas. O São Paulo não deu resposta formal ao jogador, que não tem empresário, mas não se interessa pela contratação. Quem conta é o presidente Juvenal Juvêncio. “Ele fez uma consulta a nós. Disse: “Tinha um ano e meio de contrato, estou indo embora e preferia ir para aí”. Mas nosso interlo-

cutor respondeu que ganha muito. Aí me telefonaram, foi ontem, por esse diálogo. E eu disse que iria pensar. Mas não estou pensando, estou pensando em outras coisas”, disse o presidente Juvenal Juvêncio, ao UOL Esporte. Segundo o presidente, o clube não procurou o jogador, mas sim o contrário. Ricardo Oliveira rescinde com o Al Jazira por conta do elenco já contar com três opções estrangeiras após a chegada do volante Jucilei, que era alvo do São Paulo. “Nós não falamos em salário, não. Para não desprestigia-lo, também”, afirma o presidente, que ouviu de seus dirigentes que os vencimentos do atacante seriam altos demais para

contratá-lo. O São Paulo gosta muito de Ricardo Oliveira. Sondou o jogador em outros momentos, mesmo depois do último empréstimo, em 2010. A avaliação da diretoria, no entanto, é que o jogador é muito caro para brigar por uma vaga com Luis Fabiano. A diretoria nã o vê a dupl a j o g and o junto, pela idade, e acredita que um dos dois se sentaria no banco de reservas, o que configuraria investimento errado. O São Paulo avalia que já esgotou todas as opções no mercado brasileiro para contratar atacantes. A transferência de Rafael Sóbis é pouco provável. O clube olha para o mercado estrangeiro à procura de opções.

SÉRIE A

Cartola da Lusa poupa CBF e ainda quer antecipação UOL

Ilídio Lico, presidente da Portuguesa, demonstra mais irritação com o vazamento da proposta da CBF do que com a entidade. A confederação vinculou a antecipação de R$ 4 milhões à presença do time na Série B, conforme documento exibido pela ESPN. O dirigente disse ao blog até que prefere não

levar o caso ao Ministério Público, como planeja seu d e p a r t a m e n t o j u r í d i c o, p ois ainda pretende negociar a antecipação com a CBF. “Como todos os clubes, nós dependemos da federação e da CBF. Esse vazamento nos deixou sem moral para pedir a antecipação. Eu estava reclamando internamente porque acho que foi ridículo vincular

i ss o a j o g ar a S é r i e B e tentaria outra negociação. Vamo s e sp e r ar a p o e i r a baixar e ver se ainda dá para conversar”, declarou Lico ao blog. O cartola, no entanto, des car ta um acordo que o b r i g u e a Po r t u g u e s a a desistir de brigar na Justiça comum para permanecer na S érie A, ap ós s er rebaixada por perder quatro pontos no STJD pela

e s c a l a ç ã o d e He v e r t o n , suspenso, na última rodada do Brasileirão. “Não assino contrato em que esteja escrito que a Portuguesa vai jogar a Série B. Se só puder ser assim, eu procuro outros meios de conseguir dinheiro, vou direto a um banco”, disse o dirigente. O cartola assumiu o clube em janeiro e alega que a diretor i a anter ior

antecipou 80% das cotas referentes ao Campeonato Paulista a que o clube tinha direito, restando apenas R$ 600 mil a receber. Declarou também que existem salários com atraso superior a dois meses. “Nossa situação é muito difícil e só piorou com o vazamento dessa informação. Pouca gente no clube tinha esse contrato. Quero identificar quem vazou e

responsabilizar essa pessoa”, afirmou Lico. Ap e s ar d e o c ont r ato fa l ar em ante cip ação de cotas pela participação na Série B, a Lusa teria que d e volve r o d i n h e i ro e m 2015 por meio de dez parcelas. O contrato foi sugerido pela entidade depois de a Por tuguesa p edir a antecipação. A proposta da confederação foi feita após o clube pedir a antecipação


Atas & Editais A-7

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

5

'(63(6$6(03(1+$'$6 Ă’OWLPRV0HVHV

j       

VENDO CHĂ CARA COM CASA MISTA - 120M2, COM Ă GUA, LUZ, TELEFONE - TODA MURADA. VĂ RIAS Ă RVORES FRUTĂ?FERAS E PALMITO4000 MTS2- VALOR A COMBINAR- ACEITO CARRO. FONES 43- 3564-2769 OU 9658- 2630 (TIM)- FALAR COM IRACI - QUATIGUĂ - PR A COOPANORPI - COOPERATIVA DE PESCADORES E AQUICULTORES DO NORTE PIONEIRO - TORNA PUBLICO QUE ESTA REQUERENDO JUNTO AO IAP- INSTITUTO AMBIENTAL DO PARANA , LICENÇA PREVIA PARA CONSTRUĂ‡ĂƒO DE UM ABATEDOURO DE PEIXES A SER IMPLANTADO Ă ROD. PR 218, KM 01 PASSOS DOS LEITES CARLOPOLIS PR.



RELATĂ“RIO DE GESTĂƒO FISCAL - CONSOLIDADO



DEMONSTRATIVO DA DESPESA COM PESSOAL ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

 

JANEIRO/2013 A DEZEMBRO/2013 PĂĄgina: 1 /

LRF, Art 55, inciso I, alĂ­nea "a" - Anexo I

    

DESPESA COM PESSOAL

1

DESPESA EMPENHADA

DESPESA BRUTA COM PESSOAL (I)

396.648,45

Pessoal Ativo

396.648,45

Pessoal Inativo e Pensionistas

0,00

(-)DESPESAS NĂƒO COMPUTADAS (art. 19, §1Âş da LRF) (II)

0,00

Indenizaçþes por Demissão e Incentivos à Demissão Voluntåria

0,00

Decorrentes de DecisĂŁo Judicial

0,00

Despesas de ExercĂ­cios Anteriores

0,00



Inativos e Pensionistas com Recursos Vinculados

0,00

Instrução Normativa TCE/PR 56/2011

0,00

Pensionistas

0,00

IRRF

0,00

TOTAL DA DESPESA COM PESSOAL PARA FINS DE APURAĂ‡ĂƒO DO LIMITE - TDP (III) = (I - II)

396.648,45



RECEITA CORRENTE LĂ?QUIDA - RCL (IV)



LIMITE MĂ XIMO (incisos I, II e III, art. 20 da LRF) - 6%

597.025,29

LIMITE PRUDENCIAL (§único, art. 22 da LRF) - 5,7%

567.174,03

CĂ‚MARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ RELATĂ“RIO RESUMIDO DA EXECUĂ‡ĂƒO ORÇAMENTARIA

9.950.421,56

% do TOTAL DA DESPESA COM PESSOAL PARA FINS DE APURAĂ‡ĂƒO DO LIMITE - TDP sobre a RCL (III / IV) * 100

3,99

DEMOSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATĂ“RIO RESUMIDO DA EXECUĂ‡ĂƒO ORÇAMENTĂ RIA ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL JANEIRO A DEZEMBRO DE 2013 PĂĄgina: 1 /

LRF, Art. 48 - Anexo XVII BALANÇO ORÇAMENTà RIO

No Bimestre

1

AtĂŠ o Bimestre 0,00

PrevisĂŁo Inicial da Receita

0,00

0,00

PrevisĂŁo Atualizada da Receita

0,00

Joao Penteado da Cruz

Adalberto de Freitas Aguiar

Ednalberto Goulart

Receitas Realizadas

0,00

0,00

Contador - Câmara Barra JacarÊ

Presidente Câmara Barra JacarÊ

Controle Interno

DÊficit Orçamentårio

(88.609,24)

(458.175,53)

0,00

600.000,00

0,00

Saldos de ExercĂ­cios Anteriores

CÂMARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ

'29$/(

Dotação Inicial

RELATĂ“RIO DE GESTĂƒO FISCAL DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATĂ“RIO DE GESTĂƒO FISCAL

512

0,00

CrĂŠditos Adicionais 0,00

600.000,00

Despesas Empenhadas

88.609,24

458.175,53

Despesas Liquidadas

88.609,24

458.175,53

Dotação Atualizada

ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL Pågina: 1 / 1

JANEIRO A DEZEMBRO DE 2013

0,00

Superåvit Orçamentårio

0,00

LRF, Art. 48 - Anexo VII DESPESA COM PESSOAL

VALOR

DESPESAS POR FUNĂ‡ĂƒO / SUBFUNĂ‡ĂƒO

No Bimestre

RECEITA CORRENTE LĂ?QUIDA - RCL

No Bimestre

RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDĂŠNCIA

No Bimestre

% SOBRE A RCL

Despesa total com pessoal - DTP

396.648,45

3,99

Limite mĂĄximo (incisos I, II e III, art. 20 da LRF )

597.025,29

54,00

Limite prudencial (§ único, art. 22 da LRF)

567.174,03

51,30

VALOR

% SOBRE A RCL 0,00

Limite definido por resolução do senado federal

0,00

0,00

458.175,53

88.609,24

458.175,53 AtĂŠ o Bimestre

9.950.421,56

Receita Corrente LĂ­quida DĂ?VIDA

AtĂŠ o Bimestre 88.609,24

Despesas Empenhadas Despesas Liquidadas

DĂ­vida consolidada lĂ­quida

9.950.421,56 AtĂŠ o Bimestre

Regime PrĂłprio de PrevidĂŞncia Social dos Servidores PĂşblicos Receitas PrevidenciĂĄrias (IV)

0,00

Despesas PrevidenciĂĄrias (V) GARANTIA DE VALORES

VALOR

Limite definido por resolução do senado federal

OPERAÇÕES DE CRÉDITO

Resultado PrevidenciĂĄrio (IV - V)

% SOBRE A RCL

Total das garantias de valores

0,00

0,00

2.189.092,74

22,00

VALOR

% SOBRE A RCL

Operaçþes de crÊdito internas e externas

0,00

0,00

Operaçþes de crÊdito por antecipação da receita

0,00

0,00

1.592.067,45

16,00

696.529,51

7,00

Limite definido pelo senado federal para operaçþes de crÊdito internas e externas Limite definido pelo senado federal para operaçþes de crÊdito por antecipação da receita

RESTO A PAGAR

INSCRIĂ‡ĂƒO EM RESTOS A PAGAR NĂƒO PROCESSADOS

Valor apurado nos demonstrativos respectivos

SUFICIĂŠNCIA ANTES DA INSCRIĂ‡ĂƒO EM RESTOS A PAGAR NĂƒO

0,00

RESULTADO NOMINAL E PRIMĂ RIO

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

0,00

0,00

(458.175,53)

MOVIMENTAĂ‡ĂƒO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento atĂŠ o bimestre

Poder Executivo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder Legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder Executivo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder Legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Controle Interno

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL

Limites constitucionais anuais

Valor apurado atĂŠ o bimestre

Mínimo Anual de 60% do FUNDEB na Remuneração do MagistÊrio com Educação Infantil e Ensino

Ednalberto Goulart

0,00 % Saldo

RESTOS A PAGAR NĂƒO-PROCESSADOS

Mínimo Anual de 25% dos Impostos na Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE

Adalberto de Freitas Aguiar Presidente Câmara Barra JacarÊ

0,00 %

Pagamento atĂŠ o bimestre

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

DESPESAS COM MANUTENĂ‡ĂƒO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

Joao Penteado da Cruz

% em relação a meta (b/a)

0,00

Resultado PrimĂĄrio

0,00

Contador - Câmara Barra JacarÊ

Resultado apurado atĂŠ o bimestre (b)

Resultado Nominal

TOTAL

% MĂ­nimo a aplicar no exercĂ­cio

% Aplicado atĂŠ o bimestre

0,00

25% / 18%

0,00 %

0,00

60%

0,00 %

Valor apurado atĂŠ o bimestre

Saldo a realizar

Receita de Operaçþes de CrÊdito Despesa de Capital Líquida

CĂ‚MARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ RELATĂ“RIO DE GESTĂƒO FISCAL

PROJEĂ‡ĂƒO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDĂŠNCIA

ExercĂ­cio em ReferĂŞncia

DEMONSTRATIVO DA DISPONIBILIDADE DE CAIXA

10Âş ExercĂ­cio

20Âş ExercĂ­cio

35Âş ExercĂ­cio

Regime PrĂłprio de PrevidĂŞncia Social dos Servidores PĂşblicos

ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL JANEIRO A DEZEMBRO DE 2013

PĂĄgina: 1 /

Receitas PrevidenciĂĄrias (IV)

1

Despesas PrevidenciĂĄrias (V) Resultado PrevidenciĂĄrio (IV - V)

RGF - ANEXO 5(LRF, art. 55, Inciso III, alĂ­nea "a") DESTINAĂ‡ĂƒO DE RECURSOS

94 Retençþes em Caråter Consignatårio TOTAL DOS RECURSOS VINCULADOS (I)

1 Recursos do Tesouro (Descentralizados)

DISPONIBILIDADE DE CAIXA BRUTA (a)

DISPONIBILIDADE DE CAIXA LĂ?QUIDA (c) = (a - b)

OBRIGAÇÕES FINANCEIRAS (b)

1.111,64

1.111,64

1.111,64

1.111,64

33.357,60

RECEITA DA ALIENAĂ‡ĂƒO DE ATIVOS E APLICAĂ‡ĂƒO DOS RECURSOS

DESPESAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE

33.357,60

0,00

33.357,60

34.469,24

1.111,64

33.357,60

0,00

0,00

0,00

Limites constitucionais anuais

Valor apurado atĂŠ o bimestre

% MĂ­nimo a aplicar no exercĂ­cio

0,00

Despesas Próprias com Açþes e Serviços Públicos de Saúde DESPESAS DE CARà TER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP

REGIME PRĂ“PRIO DE PREVIDĂŠNCIA DOS SERVIDORES

Saldo a realizar

Aplicação dos Recursos da Alienação de Ativos

0,00

0,00

33.357,60

TOTAL (III) = (I + II)

Valor apurado atĂŠ o bimestre

Receita de Capital Resultante da Alienação de Ativos

0,00

TOTAL DOS RECURSOS NĂƒO VINCULADOS (II)

% Aplicado atĂŠ o bimestre

15%

0,00 %

Valor apurado no ExercĂ­cio Corrente

Total das Despesas/RCL ( % )

Joao Penteado da Cruz

Adalberto de Freitas Aguiar

Ednalberto Goulart

Joao Penteado da Cruz

Adalberto de Freitas Aguiar

Ednalberto Goulart

Contador - Câmara Barra JacarÊ

Presidente Câmara Barra JacarÊ

Controle Interno

Contador - Câmara Barra JacarÊ

Presidente Câmara Barra JacarÊ

Controle Interno

CĂ‚MARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ RELATĂ“RIO RESUMIDO DA EXECUĂ‡ĂƒO ORÇAMENTARIA DEMOSTRATIVO DOS RESTOS A PAGAR POR PODER E ORGĂƒO ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL NOVEMBRO A DEZEMBRO DE 2014

PĂĄgina: 1 /

1

LRF, art. 53, inciso V - Anexo IX RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

RESTOS A PAGAR NĂƒO PROCESSADOS

Inscritos

arĂĄ ÂŚ CarlĂłpolis ÂŚ Conselheiro Mairink ÂŚ riaĂ­va ÂŚ Japira ÂŚ Joaquim TĂĄvora ÂŚ JundiaĂ­ ÂŚ Salto do ItararĂŠ ÂŚSantana do ItararĂŠ ÂŚ a Campos ÂŚTomazina ÂŚ Wenceslau BrĂĄz

tigos assinados nĂŁo representam ecessariamente a opiniĂŁo do endo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 009/14 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paranå, no uso das atribuiçþes que lhe são conferidas por Lei, e de acordo com Requerimento n° 000377/13 de 16/01/14, decreta: Art.1º - Fica EXONERADO, a partir de 16 de janeiro de 2014, o servidor LUIS CARLOS DA SILVA, ocupante do cargo de Vigia, Regime Estatutårio deste Município, em virtude de aposentadoria junto ao INSS – Benefício n° 6040897370. Art.2º - Revogam-se as disposiçþes em contrårio. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANà / PAÇO MUNICIPAL DR. AL�CIO DIAS DOS REIS, em 20 de janeiro de 2014. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO - Prefeito Municipal

0,00

Outras Despesas De Pessoal Decorrentes De Contratos De Terceirização (art. 18, §1º da LRF)





PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA PORTARIA Nº 029/14 O Prefeito Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paranå, no uso das atribuiçþes que lhe são conferidas por Lei e, de acordo com o ofício n° 31/14 da Secretaria Municipal de Saúde, protocolado nesta Prefeitura sob n° 000439/14 em 17/01/14, resolve: I - DESIGNAR a servidora BEATRIZ NOGUEIRA ROSA, ocupante do cargo de Enfermeiro, Regime Estatutårio desta Prefeitura Municipal, para responder pelo Programa Saúde da Família – PSF, a partir de 10 de janeiro de 2014. II- Revogar a Portaria 099/13 de 08/02/2013. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANà / PAÇO MUNICIPAL DR. AL�CIO DIAS DOS REIS, em 20 de janeiro de 2014. PEDRO CLARO DE OLIVEIRA NETO - Prefeito Municipal

CÂMARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ





PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA PORTARIA N.Âş 007/2014 O senhor Guilherme Cury Saliba Costa, Prefeito Municipal de Tomazina, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes legais, RESOLVE: Artigo 1Âş - Constituir a ComissĂŁo Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal de TOMAZINA, para o exercĂ­cio de 2014, como segue: Presidente: Jordana de Oliveira Marques Lima Membros: Luciano Pereira Gomes Michel Couto Mendes Suplentes: Roudineli Borges da Silva Nabdi Elias Faria Artigo 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposiçþes anteriores. Gabinete do Prefeito Municipal de Tomazina, em 13 de janeiro de 2014. GUILHERME CURY SALIBA COSTA Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA PORTARIA N.Âş 130/2013 O senhor Guilherme Cury Saliba Costa, Prefeito Municipal de Tomazina, Estado do ParanĂĄ, no uso de suas atribuiçþes legais, R E S O L V E: Exonerar a partir do dia 31 de dezembro de 2013, a senhora NELI COUTO RIBEIRO SALIBA COSTA, portadora do RG nÂş 5.328.249-0 PR e do CPF nÂş 751.775.609-53, do Cargo de “SecretĂĄrio Municipal de Educação e Culturaâ€?, nomeada atravĂŠs da Portaria nÂş 094/2013, em 18 de julho de 2013. CUMPRA-SE - REGISTRE-SE - PUBLIQUE-SE Gabinete do Prefeito Municipal de Tomazina, em 31 de dezembro de 2013. GUILHERME CURY SALIBA COSTA Prefeito Municipal

PODER / ORGĂƒO ExercĂ­cios anteriores

TOTAL

Em 31 de dezembro de 2013

Cancelados

Pagos

Incritos em 31 de dezembro de 2013

A Pagar

Cancelados

Pagos

A Pagar

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00


A-8 Especial

Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

TRIBUNA DO VALE

Prefeitura investe na melhoria das estradas rurais

Divulgação

Cart da P

S.A.PLATINAAlém das estradas rurais, os pequenos agricultores também estão sendo beneficiados com sementes de milho e adubos Gladys Santoro

A Prefeitura de Santo Antônio da Platina está trabalhando na melhoria das estradas rurais. Esta semana, os serviços estão sendo feitos no bairro Água Branca. Segundo a secretária municipal de Agricultura e Meio Ambiente, e também responsável pela manutenção das vias rurais, Eliani Simões, os trabalhos estão sendo realizados em sete quilômetros.

Os equipamentos também estão operando nos acessos à Fazenda São Jorge (Banco da Terra 1) e Guimarães Carneiro (Banco da Terra 2). As melhorias vão beneficiar 44 famílias tanto para o escoamento da produção rural quanto para o transporte comum e escolar. “O prefeito Pedro Claro de Oliveira Neto recomendou para que não descuidássemos das estradas rurais. Portanto, estamos sempre trabalhando na manutenção delas, apesar

No bairro Água Branca estão sendo melhoradas 7 quilômetros de estradas

de não ser um serviço fácil, porque Santo Antônio da Platina tem aproximadamente mil quilômetros de estradas rurais. Às vezes deslocamos os equipamentos para alguns locais onde surgem problemas mais urgentes, mas depois voltamos a cumprir uma espécie de cronograma, para que todos sejam atendidos”, contou a

secretária. Adubos – Ao todo, 11 famílias de agricultores platinenses receberam no dia 17 deste mês, semente de milho e adubos para serem cultivados. Segundo a secretária Eliani Simoões, a doação das sementes e do adubo são incentivos para o plantio. “Ao todo são 20 quilos de sementes de milho

para serem cultivados em um hectare, 300 quilos de adubo e 500 quilos de uréia. “Foram selecionados os seguintes bairros de nosso município: Bairro dos Glórias, Ribeirão Bonito ll , Taquaral, Santa Joana, Monte Real, Banco da Terra e São Roque. O apoio é da prefeitura de Santo Antônio da Platina, Secretaria Estadual de Agricul-

tura e Abastecimento (SEAB) e Emater. Meio Ambiente - A prefeitura também está fazendo a revitalização da Avenida Frei Guilherme Maria, com o plantio de aproximadamente 4 mil mudas da espécie ixoria, plantas permanentes que necessitarão apenas de podas. Elas não precisam ser substituídas

RIBEIRÃO CLARO

Ruas e área de embarque do Centro Social são asfaltadas Da Assessoria

As vias de acesso, a área de embarque e desembarque de alunos e o estacionamento do Centro Social Urbano de Ribeirão Claro foram asfaltadas pela prefeitura. Além das atividades do Centro Social, o local onde foi realizada a obra abriga o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Ursinho Pimpão e o CEMEI Maria Baggio. O custo da obra foi orçado em R$ 25 mil e executado com recursos próprios. A iniciativa faz parte do programa de estruturação de

estabelecimentos de ensino e melhorias no Centro Social, traçado pelo prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV). Servidores da Secretaria de Obras fizeram a instalação de 300 metros de meio fio, cascalhamento e a aplicação de 130 metros cúbicos de asfalto. O trabalho foi coordenado pelo vice-prefeito, Jovadir Blum (PV) e pelo secretário de Obras, Antônio Carlos Chiarotti. Diariamente, centenas de crianças passam pelo local para irem à escola. No Centro Social acontecem periodicamente atividades envolvendo

idosos, gestantes e artesãs voluntárias. Segundo o vice-prefeito e um dos coordenadores dos trabalhos, Jovadir Blum, o objetivo é facilitar o acesso de crianças aos CMEIs e das pessoas envolvidas nos programas promovidos pelo Centro Social Urbano. “Melhoramos as ruas, o estacionamento e a área usada pelos alunos para embarcar no transporte escolar”, descreveu. “Foi um pedido do prefeito Maurício para aprimorar a estrutura do local”, concluiu.

Divulgação

EDUCAÇÃO

Pequenos produtores v fornecer meren a 2.500 escol

Custo foi de R$ 25 mil, com recursos próprios

EDUCAÇÃO

Produtores são selecionados para fornecer merenda Divulgação

AEN

A Secretaria Estadual da Educação divulgou a lista de cooperativas e associações de pequenos produtores selecionadas para fornecer alimentos para a merenda escolar. Para este ano serão destinados R$ 47,5 milhões aos pequenos produtores rurais que atenderão 2.500 escolas da rede estadual, incluindo as de educação especial. O montante de recursos quase 16 vezes maior que o investido em 2010 e 47% superior ao valor de 2013. Foram selecionadas 136 cooperativas em todo o Paraná. “Esses produtores participaram da chamada pública e atenderam aos requisitos exigidos pelo governo”, explicou a diretora de Infraestrutura e Logística da Secretaria da Educação, Márcia Stolarski. FRUTAS E HORTALIÇAS - Participaram da chamada pública pequenos produtores paranaenses vinculados a cooperativas e associações de agricultores familiares. Durante o ano letivo de 2014 eles fornecerão para a merenda dos alunos frutas, sucos,

f

PÁG. A8

ENCONTRO

Diretas Já une PMDB e PSDB

Foram destinados R$ 47,5 milhões aos produtores que atenderão 2.500 escolas estaduais

hortaliças, leite, panificados, produtos de origem animal e alguns processados como mel, doces, geleias, arroz, feijão, canjica, fubá, macarrão e molho de tomate. A ampliação da oferta de frutas e hortaliças na alimentação escolar foi uma medida adotada pela Secretaria Estadual da Educação para contribuir com a geração de renda no campo e também para a saúde dos alunos. “Com mais frutas e hor-

taliças no cardápio, os alunos são incentivados a ter hábitos saudáveis na escola e também em casa. É uma ação importante para o enfrentamento do sobrepeso dos estudantes, além da melhorar a renda dos pequenos produtores rurais”, explicou Márcia. A lista das cooperativas selecionadas pode ser acessada pelo link: www.comunidade.diaadia.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo. php?conteudo=96

f

PÁG. A8

ECONOMIA

Sicredi lança promoção Sorte em Campo f

PÁG. A4


Pdf2553