Page 1

cmyb

Quarta-feira 320 190

21 DE NOVEMBRO DE 2012

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

ANO XVII - N0 2273 R$ 1,00

www.tribunadovale.com.br

Faltam profissionais formados para atuar na área industrial

7 em cada 10 indústrias têm dificuldades em crescer por falta de pessoas qualificadas

A indústria no Paraná

Enquanto muitos desempregados estão na fila por uma oportunidade, faltam profissionais

O Sistema Fiep é a porta de entrada para quem procura uma carreira na indústria paranaense. Atualmente, representa cerca de 46 mil indústrias que geram 820 mil postos de trabalho. Página 2.

especializados para preencher todas as vagas que a indústria oferece. Esse paradoxo foi mostrado em uma pesquisa realizada, em 2010, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que concluiu: sete em cada dez empresas industriais brasileiras enfrentam o problema de falta de trabalhador qualificado. Página 2.

Educação Superior na indústria Há quase 70 anos, o Sistema Fiep trabalha em benefício da indústria do estado do Paraná. Em 2010, iniciou sua atuação na Educação Superior ao incorporar a Faculdade Metropolitana de Curitiba (Famec) às suas instituições. Na sequência, em 2012, através do Senai, começa a ofertar cursos de Graduação Tecnológica. Tudo isso agora faz parte das Faculdades da Indústria do Sistema Fiep. Conheça mais sobre esse mercado Sistema Fiep lança as Faculdades da Indústria. São sete campi em todo o estado, dentre eles a unidade Jardim Botânico, em Curitiba (foto).

Cursos específicos para atender às necessidades da indústria do estado Graduação, pós-graduação e extensão. Encontre o curso que melhor se encaixa com os seus objetivos profissionais. Página 3.

e as oportunidades na indústria do estado. Página 2

A indústria em busca de líderes empreendedores

A nova indústria e as novas oportunidades

Profissionais mais preparados e com espírito de liderança se destacam e têm mais oportunidades. Esse é o perfil dos profissionais formados pela Escola de Gestão. Página 3.

Muita coisa mudou na indústria. Agora esse mercado está muito mais atraente para os jovens que estão decidindo o seu futuro profissional. Página 2.

cyan magenta yellow black


Especial

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

A nova indústria e as novas oportunidades

Muita coisa mudou na indústria, o que a tornou mais atraente para os jovens que estão decidindo seus rumos profissionais Quando se fala em indústria

É ele que tem o poder de

em busca de novas formas

muita gente pensa em traba-

gerar riqueza para as empre-

para realizar tarefas com

lhos monótonos e mal remu-

sas, muito mais do que o pa-

mais eficiência e economia.

nerados.

trimônio físico, representado

As Faculdades da Indústria

Hoje o cenário mudou e esse tipo de visão faz parte a história antiga da indústria, que ficou no século 19, quando as condições de trabalho eram péssimas e a exploração dos traba-lhadores era grande nos países europeus. Ao longo do século 20, as condições de trabalho melhoraram e os trabalhadores daquela época, que construíram longas carreiras em empresas do setor industrial,

pelos prédios e máquinas. Na era do conhecimento, o chamado capital humano

Agora, os cursos de Gra-

é o maior patrimônio das

duação

organiza-ções.

Senai

Novo ciclo da economia brasileira

charelados da Famec fa-

Além de todas essas mudan-

que traz em seus cursos

ças internas, as indústrias

o foco total na indústria.

buscam se aproveitar de

É a experiência do Sis-

um novo ciclo da economia

tema

brasileira.

Senai e IEL), a entidade

se impressionaram ao conhe-

O Brasil é hoje a sexta maior

cer o ambiente industrial do

economia do mundo e suas

século 21.

principais empresas estão

Os novos ambientes produtivos, mais tecnológicos e inovadores do que nunca, oferecem amplas possibili-dades de desenvolvimento profissional. E a boa notícia é que a indústria nunca dependeu tanto de traba-lhadores qualificados.

crescendo, necessitando de novos profissionais.

Oportunidade de carreira e crescimento profissional O investimento em uma carreira na indústria pode ser a porta de entrada para uma

Se em outros tempos ela se

vida profissional dinâmica e

baseou no trabalho repeti-

criativa, uma vez que este

tivo e nos ganhos de escala

profissional acompanha a

para produzir artigos mais

inovação do setor. Pense

baratos, hoje ela depende

bem: há poucas décadas

da iniciativa e do conheci-

não existiam computadores

mento de seus colaborado-

pessoais, internet ou tele-fo-

res para resolver problemas

nes celulares, mas hoje nin-

do processo produtivo, de-

guém é capaz de viver sem

senvolver novos produtos e

eles. Esse tipo de inovação

liderar equipes. Vivemos na

nasce na indústria e se esten-

era do conhecimento.

de aos processos produtivos,

Tecnológica

Paraná

e

do

os

Ba-

zem parte das Faculdades da

Indústria,

conceito

quem

um

em

Fiep

novo

educação,

(Fiep,

mais

entende

Sesi, de

indústria, aplicada nos cursos superiores. Cursos que aliam a prática e a teoria com o conhecimento que a indústria requer.

As Faculdades da Indústria também

promovem

o

crescimento das indústrias do seus

Paraná,

qualificando

trabalhadores

e

atraindo novos profissionais por meio de cursos de graduação

em

diversas

cidades do Paraná. Além

As Faculdades da Indústria são integradas pelas Faculdades de Tecnologia Senai e Famec. Consulte o nosso site ou os campi para saber mais sobre a sua certificação.

disso, conta também com a Escola de Gestão da Indústria,

que

oferece

cursos de Pós-Graduação, MBA, Mestrado e Extensão.

Estudando nas Faculdades da Indústria, o aluno incrementa o currículo, trabalha a teoria e a prática, se aproxima da realidade do mercado, faz seu network não só na sala, mas com todo o Sistema Fiep e conta com uma estrutura preparada para a busca do seu primeiro estágio, através do IEL.

Mais que um novo nome, o que apresentamos aqui é uma ampliação de foco do Sistema Fiep”

Crédito da foto: Gilson Abreu

Edson Campagnolo Presidente da Fiep

Saiba onde estão as Faculdades da Indústria no mapa. As

Faculdades

da

Indústria

irão

formar

profissionais qualificados para as indústrias e oferecer oportunidades de um futuro melhor para os trabalhadores

“Com as Faculdades da In-

mos mais força e agilidade

da indústria, e esse é o nosso

dústria, o objetivo do Sistema

para cumprirmos nossa mis-

maior diferencial. Consegui-

Fiep é apresentar ao mer-

são que é servir e fortalecer

mos entender e entregar em

cado a concentração de

a indústria em busca de uma

todo o Paraná aquilo que o

todos os cursos de gradua-

sociedade melhor.

mercado precisa em cada

ção, bacharelado e tecnó-

Todo esse movimento de uni-

região. É a teoria aliada à

logos ofertados pela Famec

ficação busca levar soluções

prática, o que significa muito

e pelo Senai. Já os cursos de

que se traduzam em resulta-

mais oportunidades para os

pósgraduação, MBA e de ex-

dos, inovação, crescimento e

nossos alunos, para as em-

tensão, ofertados pela Fiep,

liderança, de forma rápida e

presas e para a economia de

Sesi, Senai e IEL, estarão todos

prática.

todo o Estado.”

agrupados em um ambiente

Somos uma instituição forma-

integrado: a Escola de Ges-

da por industriais e voltada

tão da Indústria. Assim, tere-

para as reais necessidades

Edson Campagnolo Presidente da Fiep


Especial

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Cursos específicos para atender às necessidades da indústria do estado

UNIdAdE

GRAdUAÇÃO TECNOlÓGICA

Curitiba CIC

Fabricação Mecânica

Curitiba

Controle de Obras

Jd. Botânico

Design de Moda

Cascavel

Gestão da Produção Industrial Manutenção Industrial

Londrina

EM BREVE

Maringá

EM BREVE

Telêmaco Borba

Papel e Celulose Automação Industrial

Toledo

Alimentos

São José dos Pinhais

Rede de Computadores Gestão de Recursos Humanos

A indústria em busca de líderes empreendedores Profissionais mais preparados e com espírito de liderança se destacam e têm mais oportunidades

UNIdAdE Para preparar os profissionais

à gestão, em busca do

que têm espírito empreen-

desenvolvimento

dedor, as Faculdades da

carreira, que contribuirá

Indústria também contam

para melho-rar a capa-

com a Escola de Gestão

cidade de análise e to-

da Indústria, que prepara

mada de decisões.

da

o aluno para ser referência no mercado de traba-

BAChARElAdO

São José dos Pinhais

Ciências Contábeis Direito Sistemas de Informação UNIdAdE

lICENCIATURA

São José dos Pinhais

lho, com uma metodolo-

Administração

Pedagogia

gia e disciplinas voltadas

Empreendedores, executivos e empresários integram o quadro de professores que capacitarão os alunos a desempenhar as múltiplas atividades ligadas à área de gestão industrial, com objetivo de formar futuros líderes. Além das cidades com campus das

Faculdades da Indústria, a Escola da Gestão oferta cursos em outras cidades do Paraná, e através dos cursos de extensão a distância, expande sua atuação para todo o país.

UNIdAdE

PÓS-GRAdUAÇÃO E MBA

UNIdAdE

PÓS-GRAdUAÇÃO E MBA

UNIdAdE

PÓS-GRAdUAÇÃO E MBA

Arapongas

Pós-Graduação em Educação

Curitiba

MBA Inovação

Londrina

Pós-Graduação em Moda e Gestão

Profissional

Jd. Botânico

MBA em Lean Manufacturing

Pós-Graduação em Redes de

Pós-Graduação em Gestão da

Pós-Graduação em Moda

Computadores

Inovação Tecnológica aplicada

e Gestão

à Indústria

Pós-Graduação em Direito para

Curitiba – CIC Mestrado Profissional Meio

Ponta Grossa

Empresas e Indústria

Pós-Graduação em Educação Profissional

S. A. da Platina MBA em Gestão de Projetos

Urbano e Industrial

Pós-Graduação em Direito Penal com

MBA em Gestão Industrial

Pós-Graduação em Engenharia

Ênfase na Área Empresarial

Pós-Graduação em Engenharia

Reversa e Prototipagem

Pós-Graduação em Gestão de

de Automação

Pós-Graduação em Gestão

Portfólio e Escritório de Projeto

Pós-Graduação em Moda e Gestão

e Tecnologias Ambientais

Cascavel

Pós-Graduação Latu Sensu EXTENSÃO

na Indústria

em Segurança de Alimentos

Curitiba

Pós-Graduação em Educação

MBA em Gestão de Obras

Jd. Botânico

Profissional

de Edificações

Os cursos de extensão proporcionam formação

MBA em Desenvolvimento de Novos

continuada e atualização de conteúdo, de forma

Automotiva

Produtos

rápida e prática.

Pós-Graduação em Engenharia

MBA em Gestão de Obras de

de Software

Edificações

MBA Executivo em

MBA em Gestão de Projetos

Controladoria e Finanças

MBA em Gestão Industrial

Cada empresa tem uma realidade. Para atender

MBA em Gestão Industrial

MBA em Gestão Integrada do

especificamente às necessidades de cada

MBA em Gestão de Projetos

Meio Ambiente

negócio, a Escola de Gestão da Indústria desenha

MBA em Gestão de Obras de

MBA em Governança da Tecnologia

programas, cursos teóricos e práticos e sob medida

Edificações

da Informação e Comunicação

para empresas de pequeno, médio e grande porte.

MBA em Gestão Multidisciplinar

MBA em Lean Manufacturing

em Sustentabilidade Organizacional

Pós-Graduação em Automação

MBA em Gestão Sustentável

Industrial

de Negócios Industriais

Pós-Graduação em Engenharia

Pós-Graduação em Gestão da

de Automação

Segurança da Informação

Pós-Graduação em Engenharia

Pós-Graduação em Engenharia

Londrina

IN COMPANY

de Manutenção Industrial CONTINUA >

CONTINUA >

* As Faculdades da Indústria reservam o direito de cancelar qualquer curso caso não haja número de suficiente de inscritos e em caso fortuito.

Conteúdo: Marketing Sistema Fiep. Texto adaptado do Guia de Profissões da Indústria, 2012, Senai Santa Catarina.


cmyb

Especial

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

As Faculdades da Indústria são integradas pelas Faculdades de Tecnologia Senai e FAMEC. Consulte o nosso site ou os campi para saber mais sobre a sua certificação.

AqUI vOCê APRENdE A TEORIA, A PRáTICA E A REAlIzAR SEUS SONhOS.

As Faculdades da Indústria somam a experiência da Fiep, Sesi, Senai e IEL em cursos de graduação, pós-graduação e extensão pensados por quem mais entende da indústria: a própria indústria. Cursos que aliam a prática e a teoria com o conhecimento que a indústria requer. Assim você cresce, se aprimora e realiza seus sonhos. Acesse faculdadesdaindustria.com.br e faça a sua inscrição.

MAIS TEORIA NA PRáTICA. MAIS PRáTICA NA TEORIA. faculdadesdaindustria.com.br

cyan magenta yellow black


A-4 Geral

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Aterro começa operar em dezembro CONSÓRCIO Local passa por pequenas obras que devem ser concluídas em poucos dias e aguarda em seguida avaliação do Instituto Ambiental do Paraná Da Assessoria

O terceiro aterro sanitário construído através de um consórcio entre municípios do Norte Pioneiro deve começar a operar oficialmente a ainda na primeira quinzena de dezembro. A informação foi confirmada ontem, 20, pela diretoria da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi) que acompanhou a construção do aterro e deu assessoramento técnico para a formação do Consórcio Intermunicipal para Aterro Sanitário (Cias). Quando estiver operando com sua capacidade máxima o aterro sanitário terá capacidade para receber e processar 30 toneladas de lixo produ-

zidas diariamente em cinco cidades em um raio de 50 quilômetros. Construído em uma área de 58 mil metros quadrados na divisa entre os municípios de Joaquim Távora e Quatiguá, o local conta com três lagoas para a decantação de resíduos sólidos, cada uma com capacidade de tratar até 50 mil litros de chorume. Além de Joaquim Távora e Quatiguá, fazem parte do consórcio as cidades de Guapirama, Conselheiro Mairinck e Jundiaí do Sul. Projetado inicialmente para operar a partir de 2011, o aterro sanitário do Cias acabou sofrendo com problemas técnicos que surgiram ainda na fase de avaliação do solo, como por exemplo, a

descoberta de uma camada de rocha maciça a poucos metros de profundidade da área onde seriam escavadas valas e lagoas de decantação, explica o engenheiro José Alberto Pinto, responsável pela obra. Além disso, a área é pobre em água e um novo projeto para abastecer o aterro precisou ser elaborado para evitar picos de desabastecimento. Como se não bastasse, o atraso nos processos licitatórios e a burocracia estatal também contribuíram para o atraso da obra. O presidente do Cias, o prefeito de Joaquim Távora Cláudio Revelino (PR) explica que para iniciar sua operação o aterro só precisa de pequenas obras e alguns

reparos que devem ser feitos em poucos dias. Depois disso, basta que o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) faça a avaliação da área e dê o sinal verde para que o aterro comece a ser explorado. Recursos próprios O aterro sanitário do Cias é um dos poucos aterros no Paraná que foi construído exclusivamente com recursos dos cinco municípios envolvidos sem a destinação de dinheiro do Estado nem da União. No total foram consumidos recursos da ordem de R$ 1,2 milhão. A área onde o aterro foi construído foi doado pelo município de Joaquim Távora. O local tem uma vida útil de 10 anos e custo mensal de operação

estimado em R$ 25mil. Uma empresa especializada na gestão de aterros já foi contratada através de processo licitatório para administrar o local. “A implantação de aterros sanitários por meio de consórcios é a solução mais viável para a gestão do lixo urbano. A iniciativa é incentivada pelo Tribunal de Contas e pelo Ministério Público. Assim, estamos no caminho certo”, diz o presidente da Amunorpi e prefeito de Guapirama, Eduí Gonçalves (PMDB). Incentivo O incentivo aos consórcios está previsto na Lei Federal 12.305/2010, que institui a Política Nacional

de Resíduos Sólidos. “É uma solução viável não só para as regiões metropolitanas, mas também para os pequenos municípios como os que formam a Amunorpi”, prevê a secretária-executiva da Amunorpi, Tânia Dib. A executiva compara esses consórcios a sistemas cooperativistas. “É uma maneira cooperativa de enfrentar uma questão tão complexa quanto a do lixo”. Segundo Tânia, sem a organização através de consórcios, seria muito difícil que isoladamente pequenos municípios conseguissem dar destinação ao lixo produzido com tão poucos recursos. “É saída mais barata e rápida para os pequenos municípios”, encerra.

 EMPRESARIAL

Sebrae instala tenda itinerante em Santo Antonio da Platina Aline Damásio

Uma equipe do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Sebrae/ PR) esteve ontem durante o dia prestando consultoria e atendendo os micro e pequenos empresários no calçadão, em Santo Antonio da Platina. A ação faz parte do programa Sebrae Itinerante, uma estrutura móvel formado por uma van e tendas que ficam à disposição dos empresários e daqueles que desejam entrar para o ramo empresarial, com orientações feitas por consultores. De acordo com consultor

André Azevedo, a iniciativa prioriza principalmente aqueles que pretendem iniciar a ati-

O objetivo é facilitar o atendimento aos empresários, num local onde facilmente ele encontra informações”

vidade e não dispõem de tempo para ir até uma agência do

Sebrae. “O objetivo é facilitar o atendimento aos empresários, num local onde facilmente ele encontra informações sobre gestão empresarial. Aqui ele tem, no trajeto do dia a dia, a mobilidade e a viabilidade de ter o Sebrae a caminho da empresa.”, disse. Na tenda, o micro e pequeno empresário podem tirar dúvidas e ter orientações sobre temas como controle financeiro, análise de crédito, formalização e divulgação de marca. O programa Sebrae Itinerante s egue hoj e com atendimento no calçadão, das 9h às 17horas.

Tenda do Sebrae Itinerante continua hoje no calçadão

Mercado Agropecuário

Indicadores Econômicos BOVESPA

*19/11/12

CÂMBIO

20/11/12

DÓLAR COMERCIAL

INDICE BOVESPA Alta: 1,89%

56.450 pontos

*Ontem (20/11) foi feriado em São Paulo 57.357 57.064 57.486 56.279 55.402 56.450

Baixa: 0,05% Compra Venda

EURO

Var. novembro: +2,51% R$ 2,079 R$ 2,081

DÓLAR PTAX (Banco Central) Alta: 0,43% Compra Venda

09/11 12/11 13/11 14/11 16/11 19/11

Ações Petrobrás PN Vale PNA ItauUnibanco PN Bradesco PN Eletrobrás PNB OGX Petróleo ON Rossi Resid. ON Usiminas PNA

% +0,53 +1,21 +3,10 +2,23 -15,43 +7,47 +7,04 +6,45

R$ 19,13 35,07 30,97 33,50 9,81 4,89 4,26 11,39

12.789,97 5.748,10 7.172,99 9.142,64

-0,05 +0,18 +0,69 -0,12

BOLSAS NO MUNDO Dow Jones Londres Frankfurt Tóquio

%

OURO - BM&F

var. dia

19/11

+1,31%

R$ 116,00 /grama

IR BASE (R$) Até 1.637,11 De 1.637,12 até 2.453,50 De 2.453,51 até 3.271,38 De 3.271,39 até 4.087,65 Acima de 4.087,65

NOVEMBRO Alíquota Parc. a % deduzir 7,5 122,78 15 306,80 22,5 552,15 27,5 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1-R$ 164,56 por dependente; 2 - pensão alimentícia; 3 - contribuição à Prev. Social; 4 - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5 - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carne Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.

SELIC/IR IR 2012 - A oitava parcela do IR 2012 vence

em 30/11, com incidência de juros Selic de 4,90%. MÊS TAXA SELIC Ago/12 0,69% Set/12 0,54%

MÊS TAXA SELIC Out/12 0,61% *Nov/12 1,00%

*No mês corrente a Selic é sempre 1,00% Indicadores Econômicos: elaboração da agência Dossiê:Dinheiro. Fone: (41) 3205-5378

Var. novembro: +1,85% R$ 2,03 R$ 2,20

DÓLAR TURISMO Estável Compra Venda

Var. novembro: +1,24% R$ 2,6661 R$ 2,6675

EURO TURISMO

Var. novembro: +2,57% R$ 2,0827 R$ 2,0835

DÓLAR PARALELO Estável Compra Venda

Alta: 0,55% Compra Venda

Var. novembro: +1,64% R$ 2,020 R$ 2,170

Alta: 0,36% Compra Venda

Var. novembro: +1,09% R$ 2,55 R$ 2,79

OUTRAS MOEDAS X REAL Iene Libra esterlina Peso argentino

R$ 0,0255 R$ 3,32 R$ 0,43

US$ 1 É IGUAL A: Iene Libra esterlina Euro

81,61 0,6283 0,7811

ÍNDICES DE INFLAÇÃO Índices em % INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IPCA-15 (IBGE) IPC (FIPE) IPC (IPARDES) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPA-DI (FGV) IPC-DI (FGV) INCC-DI (FGV)

mai 0,55 0,36 0,51 0,35 0,50 1,02 0,91 0,91 0,52 1,88

jun 0,26 0,08 0,18 0,23 0,07 0,66 0,69 0,89 0,11 0,73

jul 0,43 0,43 0,33 0,13 0,16 1,34 1,52 2,13 0,22 0,67

REAJUSTE ALUGUÉIS Índice INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV)

set 1,0539 1,0524 1,0772 1,0804

out 1,0558 1,0528 1,0807 1,0817

nov 1,0599 1,0545 1,0752 1,0741

* Correção anual. Multiplique valor pelo fator acima

PREVIDÊNCIA

ago 0,45 0,41 0,39 0,27 0,36 1,43 1,29 1,77 0,44 0,26

set 0,63 0,57 0,48 0,55 0,80 0,97 0,88 1,11 0,54 0,22

out 0,71 0,59 0,65 0,80 0,50 0,02 -0,31 -0,68 0,48 0,21

ano 4,85 4,38 4,49 3,59 4,50 7,12 7,12 8,15 4,58 6,59

12m 5,99 5,45 5,56 4,85 5,53 7,52 7,41 7,92 5,97 7,47

OUTROS INDICADORES set out nov BTN + TR 1,570040 1,570040 1,570040 TJLP (%) 5,50 5,50 5,50 Sal. mínimo 622,00 622,00 622,00 FGTS (%) 0,2589 0,2466 0,2466 TAXA SELIC ANUAL: 7,25%

COMPETÊNCIA OUTUBRO

Vencimento: empresas 20/11 e pessoas físicas 16/11. Após multas de 4% a 100% e juros (Selic)

Empresário/empregador

Facultativo

Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 622,00 (R$ 68,42) e R$ 3.916,20 (R$ 430,78), através de GPS.

Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 622,00 (R$ 124,40) e R$ 3.916,20 (R$ 783,24), através de carnê.

Autônomo

Assalariados

1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 622,00 (R$ 124,40) a R$ 3.916,20 (R$ 783,24). 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% sobre o máximo de R$ 3.916,20 (R$ 430,78) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre jurídicas, até R$ 3.916,20 (R$ 430,78). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.916,20. 4) Aut. especial: sobre R$ 622,00, recolhe 5% (donas de casa, Lei 12.470/2011) ou 11% (demais especiais), mas a aposentadoria é por idade.

Salários até 1.174,86 De 1.174,87 até 1.958,10 De 1.958,11 até 3.916,20

8,00% 9,00% 11,00%

Empregados domésticos Alíquota % R$ mín R$ máx Empregado 8 a 11 49,76 430,78 Empregador 12 74,64 469,94 Total 20 a 23 124,40 900,72

SALÁRIO FAMÍLIA - NOVEMBRO/2012 Salário de até R$ 608,80 Salário de R$ 608,81 a 915,05

R$ 31,22 R$ 22,00

POUPANÇA, TR

LOTES - ATACADO

Poupança antiga: depósitos até 03/05/12 Nova poupança: dep. a partir de 04/05/12

POUP. ANTIGA Outubro/12 Novembro/12

% 0,50 0,50

ano 5,42 5,95

12 m 6,64 6,58

NOVA POUP. ago Índice

set out nov 0,4675 0,4273 0,4273 0,4134

TR MÊS

% 0,00 0,00

Outubro/12 Novembro/12 Período 16/10 a 16/11 17/10 a 17/11 18/10 a 18/11 19/10 a 19/11 20/10 a 20/11 21/10 a 21/11 22/10 a 22/11 23/10 a 23/11 24/10 a 24/11 25/10 a 25/11 26/10 a 26/11 27/10 a 27/11 28/10 a 28/11 29/10 a 29/11 30/10 a 30/11 31/10 a 1/12 1/11 a 1/12 2/11 a 2/12 3/11 a 3/12 4/11 a 4/12 5/11 a 5/12 6/11 a 6/12 7/11 a 7/12 8/11 a 8/12 9/11 a 9/12 10/11 a 10/12 11/11 a 11/12 12/11 a 12/12 13/11 a 13/12 14/11 a 14/12 15/11 a 15/12 16/11 a 16/12

POUP ANTIGA 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000 0,5000

ano 0,29 0,29

POUP NOVA 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134 0,4134

12 m 0,45 0,38 TR 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

CUB PARANÁ Fonte: Sinduscon/PR e Sinduscons regionais R$/m2 SET OUT %m%ano %12m Paraná 1.069,75 1.071,50 0,16 7,63 8,19 Norte 1.023,54 1.024,46 0,07 5,42 5,96 Noroeste1.042,75 1.046,38 0,35 7,45 7,88 Oeste 1.061,73 1.063,17 0,14 6,58 6,85

SAL. MÍNIMO - PARANÁ Grupo 1 R$ 783,20 Trab.s na agricultura. Grupo 2 R$ 811,80 Serviços administrativos, domésticos e gerais, vendedores e trab. de reparação.

Grupo 3 R$ 842,60 Trab. produção de bens e serviços industriais Grupo 4 R$ 904,20 Técnicos nível médio. * Valores válidos de maio/2012 a abril/2013

20/11/12

SOJA - saca 60kg PRAÇA Paranaguá Ponta Grossa Maringá Cascavel Sudoeste Guarapuava

TRIGO - saca 60kg

R$ 69,50 74,00 72,50 75,00 73,50 73,00

SEM -0,7% 3,5% 2,8% 4,9% 2,8% 2,8%

30 d. -4,8% -2,6% -2,0% -1,3% -2,0% -2,7%

6,1% 0,0% 3,4% 0,0% 0,0% 0,0%

6,1% 6,9% 5,2% 8,6% 1,7% 0,0%

MILHO - saca 60kg Paranaguá Sudoeste Cascavel Maringá Ponta Grossa Guarapuava

35,00 31,00 30,50 31,50 30,50 30,00

PRAÇA Curitiba Ponta Grossa Maringá Cascavel

R$ 39,50 39,00 39,00 38,50

SEM 0,0% 0,0% 0,0% 0,0%

30 d. 1,3% 1,3% 1,3% 1,3%

INDICADORES CEPEA/ESALQ PRODUTO Bezerro (1) Boi gordo (2) Café (3) Algodão (4)

R$ 704,71 98,20 354,19 155,09

DIA MÊS 0,71% -1,81% 0,41% 1,02% 0,37% -3,31% 0,05% -1,05%

1- sc 50Kg, com impostos, posto usina SP; 2 -média à vista da arroba no Estado de SP; 3 - valor à vista saca 60kg posto SP Capital, arábica, bica corrida, tipo 6; 4 - em pluma, cent/R$ por libra-peso (453 gr), posto SP Capital.

Soja, milho e trigo: fonte Dossiê:Dinheiro; Cepea/Esalq: mais informações em www.cepea.esalq.usp.br

PREÇO AO PRODUTOR Produto

20/11/12

unidade

média var. var. var. C.Proc. Jacar. PR - R$ diária 7 dias 30 dias R$ R$ SOJA saca 60 kg 67,35 0,1% -0,1% -1,0% 66,50 MILHO saca 60 kg 26,75 0,4% 1,2% 7,2% 26,00 25,70 TRIGO saca 60 kg 34,06 0,4% 0,6% 1,2% 33,00 33,00 FEIJÃO CAR. saca 60 kg 133,92 2,2% 3,4% 7,1% BOI GORDO arroba, em pé 97,04 -0,2% 0,0% 1,5% 96,00 96,00 SUÍNO kg, vivo 2,92 0,0% 0,3% 3,5% 2,90 3,05 FRANGO kg, vivo 2,19 0,0% 0,0% 0,5% 2,60 CAFÉ BEN. beb. dura, 60kg 323,06 0,2% -1,0% -5,8% 315,00 325,00 CAFÉ kg, em coco 5,17 0,4% -1,7% -6,7% 5,20 5,10 Fonte: Sima/Deral/Seab. Os preços nas praças referem-se aos valores “mais comuns” apurados

MERCADO FUTURO BOLSA DE CHICAGO (CBOT) SOJA - US$cents por bushel (27,216 kg)

MILHO

Cont. FECH. jan/13 1.412,75 mar/13 1.396,25

Cont. dez/12 mar/13

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS 18,00 0,3% -8,1% 14,25 0,8% -7,5%

20/11/12 - US$cents por bushel (25,4 kg)

FECH. 742,75 746,75

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS 4,00 2,7% -2,5% 4,25 2,8% -1,7%

FARELO - US$ por tonelada curta (907,2kg)

TRIGO - US$cents por bushel

dez/12 jan/13

dez/12 mar/13

429,60 424,80

5,00 4,80

-0,8% -0,9%

-7,4% -7,5%

845,00 860,50

(25,4 kg)

3,25 -0,7% 2,75 -0,6%

-3,2% -2,6%

*Diferença sobre dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 na soja, milho e trigo e US$ 1,00 no farelo

BOLSA DE NOVA YORK (NYBOT) CAFÉ - US$cents/libra peso (0,453 kg)

ALGODÃO

Cont. dez/12 mar/13

Cont. dez/12 mar/13

FECH. 143,75 152,45

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS -7,65 -1,5% -11,1% -4,95 0,8% -8,2%

20/11/12 - US$cents/libra peso (0,453 kg)

FECH. 72,50 72,49

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS 0,45 2,4% -5,7% 0,43 2,7% -3,9%

*Diferença s/ dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 no café e algodão.

BOLSA DE MERCADORIAS DE SÃO PAULO (BM&F) MILHO - R$/saca 60 kg SOJA FINANCEIRO - US$ saca 60 kg Cont. mar/13 mai/13

C 30,50 29,65

VP -0,25 0,08

CN CA 148 57 1.889

BOI GORDO - R$/arroba nov/12 dez/12

97,83 97,80

-0,09 -0,13

Cont. nov/12 jan/13

C 34,63 32,75

VP 0,59 0,72

19/11/12 CN CA 964 6.364 144 3.913

CAFÉ - US$/saca 60 kg (arábica) 705 6.736 456 6.152

dez/12 mar/13

193,00 199,35

4,40 5,10

476 405

3.275 3.991

C-cotação de fechamento (ajuste diário); VP-variação diária (1 ponto = US$ 1,00 ou R$ 1,00); CN - contratos negociados no dia; CA-contratos em aberto.


Cidades A-5

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Prefeituras deixam pagamento de 13º salário para a última hora

NORTE PIONEIRO Queda de até 30% no repasse do FPM trouxe dificuldades para o pagamento do benefício; maioria das prefeituras terão problemas para fechar o ano Celso Felizardo

A maioria das prefeituras da região não antecipou a metade do pagamento do 13º salário e terá que pagar os servidores em uma parcela única, até o dia 20 de dezembro. Com a queda do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em até 30%, muitos administradores estão fazendo contas e mais contas para conseguir fechar o ano com o benefício pago. Este é o caso de Curiúva. O contador da prefeitura Jefferson Luis Zanoni admitiu que a situação é muito complicada. “Estamos enxugando todos os gastos possíveis para ver se conseguimos pagar o 13º salário. Essa queda do FPM fez um estrago nos cofres da prefei-

tura”, reclamou. Em Ibaiti, o prefeito Luiz Carlos Peté dos Santos (PSDB) também relatou dificuldades para o pagamento, porém ele acredita que com as medidas de economia adotadas nos últimos meses, não terá problema em acertar salários do funcionalismo público. Entre os municípios que deixaram a totalidade do pagamento do 13º salário para dezembro estão: Abatiá, Andirá, Barra do Jacaré, Curiúva, Guapirama, Jaboti, Japi r a , Jo a qu i m Távor a , Jundiaí do Sul, Ribeirão do Pinhal, São José da Boa Vista, Wenceslau Braz. De acordo com os dep ar t amentos de contabilidade, em Guapirama e Wenceslau Braz o dinheiro para o pagamento já está reservado em caixa

Com mais de 90% do 13º pago, Domingos se preocupa em quitar outras dívidas em Salto do Itararé

Nos municípios que já pagaram a primeira parcela em junho (Siqueira Cam-

pos, Cambará, Figueira e Ribeirão Claro) ou na data de aniversário, como em

Santo Antônio da Platina, a situação é um pouco mais tranquila, pois 50% do total

já foram pago. “O pagamento da primeira parcela em junho ajudou bastante, nos livramos de metade da dívida”, revelou o contador da Prefeitura de Ribeirão Claro, Anderson Rogério Costa da Silva. Em Salto do Itararé e Sant ana do It araré, que pagam o 13º salário em parcela única no mês do aniversário dos funcionários, apenas 5% do valor total ainda não foi pago, quantia que deve quitada em dezembro. O prefeito de Salto do Itararé, Israel Domingos (PDT), acredita que se não tivesse adotado este sistema, o pagamento estaria em risco. “Pelo menos com o 13º salário, que sempre foi prioridade, não precisamos nos preocupar”, comemorou.

 20 DE NOVEMBRO

Comemoração do Dia da Consciência Negra fica restrita às escolas Aline Damásio

Foi comemorado ontem, 20 de novembro, o Dia Nacional da Consciência Negra, data que marca a cultura afrodescendente no país.Em alguns municípios, o dia é feriado. Na região, a comemoração da data fica restrita às escolas que têm o tema como conteúdo obrigatório no currículo escolar. Trabalhos didáticos,

apresentações teatrais e o ensino sobre história e cultura afrobrasileira voltadas para a luta dos negros no Brasil; cultura negra brasileira; e o negro na formação da sociedade nacional são alguns dos temas abordados nos bancos escolares. O fato de não se decretar feriado na região em alusão ao dia, é associado ao esquecimento da data pela população, na opinião

da professora Luciana Rocha Moreira, de Santo Antonio da Platina. “Mesmo sendo um assunto que deveria ser pensado e praticado todos os dias, a luta contra o preconceito é muito lembrada na teoria, mas praticamente nem na data há manifestações culturais. É um marco importante que deveria ser lembrado em casa, pelos pais, para que conscientizem seus filhos da

importância que os negros têm no nosso país”, afirma. Na Escola Municipal Ercílio Custódio, alunos da 3ª série fizeram uma série de trabalhos sobre o tema, orientados pela professora Adriana Adão Lomba, que enalteceu a importância da data. “Precisamos ensinar a eles que somos todos iguais independente da cor. Falar abertamente sobre preconceito e de

como tratar as pessoas ajuda a abrir a mente, e histórias como a do Zumbi dos Palmares servem como exemplo”, disse. Longe dos bancos escolares, algumas pessoas contam que a data passa despercebida como é o caso da caixa de supermercado Elaine Ingridy Ramos. “Vi na televisão que em Londrina é feriado, mas nunca vi nada sobre o assunto. Para mim é um dia

como qualquer outro já que não vejo nenhum tipo de manifestação pelas ruas”, comentou. O Dia Nacional da Consciência Negra foi estabelecido em 9 de janeiro de 2003, através do projeto de lei feito pelo presidente Lula. A data foi escolhida em homenagem a Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares que morreu na mesma data no ano de 1695.

APP-Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Paraná • Av. Iguaçu, 880 - Rebouças - Curitiba - Paraná - CEP 80.230-020 Fone: (41) 3026-9822 / Fax: (41) 3222-5261 • Site: www.appsindicato.org.br • Presidente: Marlei Fernandes de Carvalho • Secretário de Imprensa e Divulgação: Luiz Carlos Paixáo da Rocha. Jornalistas responsáveis: Adir Nasser Junior (3819-PR), Denise Kelm Soares (7379-PR) e Valnísia Mangueira (893-SE). Diagramador: Rodrigo Augusto Romani (7756-PR).

Nº 801 - 21 de novembro de 2012

Dia 27: categoria se mobiliza em frente ao Palácio das Araucárias Na data, educadores fazem ato pela pauta. Entre os itens estão pagamento da progressão, envio do Plano do QFEB à Alep e saúde A APP-Sindicato convoca os trabalhadores e trabalhadoras em educação do Estado para que participem no próximo dia 27 de novembro, uma terça-feira, do ato em frente ao Palácio das Araucárias, sede também da Secretaria de Estado de Administração e Previdência (Seap). A mobilização tem como objetivo pressionar o governo para a resolução de vários itens da pauta. Vale salientar que através da nossa organização e luta conseguimos, este ano, a implementação do valor do Piso Salarial Profissional Nacional (PSPN) no Paraná. Mas

precisamos avançar. Veja, abaixo, os itens centrais da pauta do dia 27: :: Encaminhamento, urgente, do Plano de Carreira dos Funcionários da Educação à Assembleia Legislativa do Paraná (Alep); :: Confirmação da implantação da hora-atividade de 33% para o ano letivo de 2013; :: Folha complementar para o pagamento das progressões do professores não efetivada na folha de novembro (conforme negociado com a categoria); :: Debate sobre a proposta, da

Seed, de Matriz Curricular Unificada; :: Novo modelo de atendimento à saúde dos servidores; :: Novo plano de custeio da ParanáPrevidência. E não há tempo a perder. Com a proximidade do final dos trabalhos legislativos na Alep, e a necessidade de envio de importantes projetos para aquela Casa (Plano de Carreira, Saúde etc), os educadores e educadoras do Paraná exigem celeridade do Estado. Na tarde do dia 27, haverá uma reunião entre APP e governo. E será mais um momento para a categoria

mostrar sua força. São esperados, inclusive, representações de todo o Estado na data. Pela manhã, em conjunto com o Fórum das Entidades Sindicais (FES), os educadores participam de um debate dos mais importantes: trata-se de uma audiência pública sobre a ParanáPrevidência. Os sindicatos que integram o Fórum continuam monitorando o sistema. Nas últimas semanas, o debate tem se concentrado em uma proposta do governo sobre um novo plano de custeio da previdência. O FES exige que o plano seja amplamente debatido com os servidores.

Assembleia em 15 de dezembro - A categoria permanece em Estado de greve, como foi definido na últ ima as sembleia realiz ada pela APP (no mês de setembro). Para avaliar os próximos passos e definir as estratégias para o início do próximo ano, o sindicato está convocando uma assembleia dos educadores em 15 de dezembro. No dia anterior, será realizada a reunião do Conselho Estadual da APP. Acompanhe aqui, no portal da APP, a divulgação do local da assembleia que será definido em breve.

Editais de Assembleias Regionais Extraordinárias Os presidentes(as) dos Núcleos Sindicais abaixo nominados, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os trabalhadores(as) em educação sindicalizados(as) para as assembleias regionais extraordinárias a se realizar nas datas e locais descritos abaixo: NS CASCAVEL Dia 24 de novembro de 2012, às 14 horas em primeira chamada, na sede da APP-Sindicato, Núcleo Sindical de Cascavel, sito à rua Francisco Bartinick, nº 2017, Jardim Cristal, em Cascavel (PR), com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros assuntos.

Dia 30 de novembro de 2012, às 16 h em primeira chamada, na UCP, na avenida Brasil, 45 , no município de Ivaiporã, com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APPSindicato; 3. Outros assuntos.

Paulino Pereira da Luz - Presidente do NS Cascavel

Cezario Benedito Pedro - Presidente do NS Ivaiporã

NS METROPOLITANO NORTE Dia 29 de novembro de 2012, às 14 horas em primeira chamada e, às 14h30, em segunda chamada, na Sede Estadual da APP Sindicato, sito à Avenida Iguaçu, nº 880, 4º andar, Rebouças, no município de Curitiba (PR), com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros Assuntos. Adão Aparecido Xavier - Presidente do NS Metropolitano Norte NS DE APUCARANA Dia 23 de novembro de 2012, às 14h em primeira convocação e em segunda convocação às 14h30, na sede do Núcleo Sindical, sito à Rua Osvaldo Cruz, 510, Edifício Palácio do Comércio, 14º andar, sala 1.403, Centro, Apucarana, com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros assuntos. Arildo Ferreira de Castro- Presidente do NS Apucarana

NS DE IVAIPORÃ

NS DE PATO BRANCO Dia 1º de dezembro de 2012, às 8h30min em primeira chamada e as 9h em segunda chamada, na sede da APP, à rua Silvio Vidal, nº 720, bairro La Salle, no município de Pato BrancoPR, com a seguinte pauta: 1. Informes das Negociações com o Governo e Mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros Assuntos. Augusto João Schneider Filho - Presidente do NS de Pato Branco

NS DE UMUARAMA Dia 30 de novembro de 2012, na sede do Núcleo Sindical de Umuarama, à Rua Helena Kolody, Jardim Novo Milênio 1108, em Umuarama, em primeira convocação às 17h e segunda convocação às 17h30 com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros assuntos. Sergio Marson - Presidente NS de Umuarama

NS DE TOLEDO

NS DE CIANORTE Dia 1º de dezembro de 2012, às 08h em primeira chamada e às 08h30 em segunda chamada, no Colégio Estadual Itacelina Bittencourt, sito a Rua Campinas, 231, Zona 03, em Cianorte, com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilização; 2. Eleições de Representante de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros Assuntos.

A coordenadora da Comissão Diretiva Núcleo Sindical da APP-Sindicato de Toledo, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os/as Trabalhadores/as em Educação, sindicalizados/as para a Assembleia Regional Extraordinária a realizar-se no dia 24 de Novembro de 2012, na sede do Núcleo Sindical, situado na Rua Senador Attilio Fontana, 5.096, em Toledo/PR, às 8h em primeira convocação e em segunda às 8h30, com a seguinte pauta: 1. Informes das negociações com o governo e mobilizações; 2. Eleições de Representantes de Base junto ao Conselho Estadual da APP-Sindicato; 3. Outros assuntos.

Aderizon Amorin - Presidente do NS Cianorte

Marissa Eger - Coordenadora da Comissão Diretiva do NS de Toledo

Edital de Convocação CONSELHO FISCAL DA APP-SINDICATO CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO A presidenta do Conselho Fiscal da APP-Sindicato, no uso de suas atribuições estatutárias, convoca os membros do Conselho Fiscal da APP-Sindicato para reunião ordinária de trabalho, a realizar-se nos dias 29 30 de novembro e 1º de dezembro, às 08h30min, na sede da entidade – Edifício Asa, Curitiba (PR) – para tratarem da seguinte pauta: 1. Análise dos RMDs da sede e dos Núcleos Sindicais; 2. Outros assuntos. Divina Santa de Souza - Presidenta do Conselho Fiscal -

@appsindicato

App Sindicato

APPSINDICATO


A-6 Cotidiano

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Amostras de sangue e impressões digitais são enviadas para análise

CASO ALINE MESSIASPolícia Civil aguarda resultado para continuar com investigações Jivago França

A Polícia Civil de Santo A nt ôn i o d a P l at i n a e n viou ontem para análise em Curitiba, amostras de sangue e impressões digitais de suspeitos de participarem da morte da professora platinense Aline Margarida Messias. O delegado responsável pelo caso, Fátimo d e S i qu e i r a c ont ou qu e foram enviadas amostras de sangue de 11 pessoas e impressões digitais de 15. Segundo ele, na sexta-feira, entrará em contato com o delegado geral da Polícia Civil e pedirá urgência na realização dos exames de confronto para tentar solucionar o caso e descobrir o(a) assassino(a). Siqueira contou que desse total, apenas sete admitiram que já tiveram relacionamentos com a professora. Ele revelou ainda que uma

Luiz Guilherme Brandani

outra pessoa será ouvida, pois pode ter sido a última a ver Aline com vida quando chegava em sua casa. Siqueira revelou ainda que apesar do alto rol de suspeitos, a polícia trabalha

Queremos saber como foi o último dia e quem foi o último a falar com ela. Não podemos descartar nenhuma hipótese agora. ”

com três hipóteses principais para o crime, mas preferiu não revelar para não atrapalhar as investigações. O delegado contou ainda, que ontem um dos

Inquérito aponta 11 pessoas ligadas à vítima; três são os principais suspeitos

suspeitos entregou para a polícia como forma de álibi, documentos que podem comprovar que ele estava

S. A. PLATINA

em viagem no dia do crime. Ele adiantou que ouvirá ainda esta semana um dos alunos da professora no

Ensino de Jovens e Adultos (EJA) em que ela lecionava no próprio patrimônio da Platina onde morava.

“Queremos saber como foi o último dia e quem foi o último a falar com ela. Não p o demos des c ar t ar nenhuma hipótese agora. Também iremos solicitar um psicólogo para ouvir o filho da professora para que ele conte o que aconteceu depois que chegaram na casa à noite”, informou o delegado. C om o i n qu é r it o e m mãos, Siqueira disse que agora espera o resultado dos exames de confrontos que serão realizados em Curitiba. Para ele o próximo passo é ver se algum dos resultados apontará positivo. Caso haja o resultado positivo, Siqueira informou que o susp eito terá que esclarecer o que aconteceu no dia. Ele pretende desvendar o crime que chamou atenção de toda população platinense e encontrar o(a) assassino(a).

CONTRABANDO

Suspeitos se apresentam e Platinense é preso com 75 mil negam participação em assalto maços de cigarros paraguaios

Reginaldo Tinti / Anuncifácil

Jivago França

D ois j ovens ac us ados de terem participação no assalto à casa da família da empresária Glauce Claro no último sábado, se apresentaram acompanhados de seus advogados à polícia na tarde de ontem, mas negaram participação no crime. Eles alegaram que estavam em outros lugares no momento do assalto. Um dos acusados disse que no momento do crime havia ido ao mercado comprar fermento para a esposa. O advogado Alécio Colione Junior informou que seu cliente tem comprovantes para provar que a acusação contra ele é falsa. O acusado disse que ap ós chegar em sua casa foi informado de que a Polícia Militar estava à sua procura, assim pediu o auxilio de seu advogado e foi até a delegacia esclarecer o caso. Outro suspeito que também se apresentou

j u nt o d e s e u a d v o g a d o, Ramon Pellicer Ferri, afirmou que não participou do cr ime. E le a lega que n o m om e nt o d o a s s a lt o estava na casa da avó de s u a n a m or a d a , d e on d e saiu apenas à noite para ir a um baile em um clube

Eles negaram o crime e disseram que estavam em outros lugares no momento do assalto”

da cidade. Ele disse que foi na parte da manhã para a casa da avó da namorada na companhia dela e de sua família. O delegado da 38ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Santo Antônio da Platina, Fátimo de Siqueira

informou que tomou o depoimento dos dois suspeitos. “Eles negaram o crime e disseram que estavam em outros lugares no momento do assalto”, afirmou o delegado. O tenente coronel Antônio Carlos Morais confirmou na tarde de ontem que depois de conseguir informações anônimas, as equipes do Ser viço Reservado (P2) da Polícia Militar foram até as casas de dois suspeitos, que não foram encontrados. Os dois que se apresentaram não foram presos. Crime Na t arde de s áb ado, cinco criminosos invadiram a casa da empresária, amarraram e roubaram mais de R$ 40 mil em joias, cerca de R$ 800 em dinheiro, além de um aparelho celular, um relógio de ouro e a chave do carro da família. Na casa estavam a empresária, o marido, uma sobrinha e o caseiro.

Carga ocupava quase todo o veículo, até mesmo parte do banco do passageiro Jivago França

Um homem de 28 anos foi f lagrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) transportando 75 mil maços de cigarros contrabandeados na BR-369 em Cornélio Procópio na manhã de segunda-feira. No momento da prisão, ele alegou ser morador de Santo Antônio da Platina,

mas disse que a carga que foi pega em Foz do Iguaçu seria levada para São Paulo. A polícia desconfia e acredita que a mercadoria seria mesmo distribuída no Norte Pioneiro. Q u a n d o f o i p r e s o, o motorista da Renaut Master com placas de Pereiras (SP), e s t av a s e m d o c u m e nt o s pessoais, mas se identificou como Millôr Fernandes de

Oliveira. Até a manhã de ontem, a identidade não havia sido confirmada pela PRF procopense. O flagrante aconteceu no quilometro 98 da BR369, durante blitz de rotina para monitorar a volta dos motoristas do feriado. O motorista foi preso em f lagrante e a carga e n c a m i n h a d a à Po l í c i a Federal.

IBAITI

Polícia Militar apreende drogas e produtos furtados Da Assessoria

Policiais Mi lit ares de Ibaiti realizaram a prisão de Marcos Batista Moraes, 33 anos, e Fabiana Prado Lopes, 35 anos, acusados de tráfico de drogas, posse irregular de arma de fogo, receptação e furto, na manhã de ontem, 20, por volta das 8h, na residência do casal, localizada na Rua 25, Centro de Ibaiti. D e acordo com o B ol e t i m d e O c or rê n c i a , Marcos e Fabiana são de Londrina e possuem antecedentes criminais por furto e roubo, e haviam sido liberados recentemente. Os dois foram abordados na residência onde, em buscas, os PMs encont raram 56

buchas de cocaína, sendo duas maiores; 01 bucha e um tablete de maconha; 01 tablete de crack e 01 revólver calibre 38, carregado com 05 munições. Além destes materiais, foram apreendidos na casa vários produtos provenientes de furtos. Fabiana confessou a procedência ilícita, indicando ainda, o s e s t a b e l e c i m e nt o s d e onde foram furtados. Ainda foi arrolado no Boletim de Ocorrência o comparsa Marcos, que é ibaitiense e trouxe o casal para a cidade. A participação dele nos crimes será investigada. O casal foi encaminhados para 37 ª Delegacia Regional de Polícia de Ibaiti.

01 bucha e um tablete de maconha; 01 tablete de crack e 01 revólver calibre 38, carregado com 05 munições


TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Atas & Editais A-7

COMUNICADO Os Conselhos Municipais de Assistência Social e dos Direitos da Criança e do adolescente de Santo Antonio da Platina - PR no uso de suas atribuições vem através deste, divulgar o resultado da classificação do Processo Seletivo Simplificado das entidades socioassistenciais, realizado no dia 11/11/2012. A classificação final estará disponível a partir das 15:00 h do dia vinte de novembro de dois mil e doze nas secretarias das entidades concorrentes do teste seletivo e no site www.santoantoniodaplatina.pr.gov.br, bem como no Jornal Tribuna do Vale.

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ LEI Nº. 1791/2012. Súmula: Autoriza a abertura de crédito adicional. A Câmara Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei. Artigo 1º - Fica o Executivo autorizado a abrir junto ao Orçamento Geral do Município, crédito adicional especial no valor de R$ 11.700,00 (onze mil e setecentos reais), conforme segue: 05 – Secretaria Municipal de Obras, Viação e Serviços 05.003 – Divisão de Serviços 15.451.0021.1.074 – Construção de Galerias e Caixas de Captação 44.90.51.00.00 – Obras e Instalações......................................................................... R$ 11.700,00 Fonte 03501 – Alienação de Ativos – Exercício Anterior artigo 2º - Para dar cobertura ao crédito acima, serão utilizados recursos provenientes do superávit financeiro apurado no balanço patrimonial do exercício anterior, para a seguinte fonte de recurso: Fonte 501 - Receitas de Alienações de Ativos ...............R$ 11.700,00 Artigo 3º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Quatiguá, em 20 de novembro de 2012. Carlos Alberto Tramontin Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ LEI Nº. 1.793/2012. Súmula: Autoriza a abertura de crédito adicional. A Câmara Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei. Artigo 1º - Fica o Executivo autorizado a abrir junto ao Orçamento Geral do Município, crédito adicional especial no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), conforme segue: 06.001 – Seção de Pedagogia 06.005 – Seção de Esportes 27.812.0035.2054 – Incentivo ao Esporte Amador 03556 - Transferência Lei 9615/98 - Exercícios Anteriores 33.90.39.00.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica..........................R$ 2.000,00 Artigo 2º - Para dar cobertura ao crédito acima, serão utilizados os seguintes recursos: Superávit Financeiro: Fonte 556 - Transferência Lei 9615/98...........................R$ 2.000,00 Artigo 3º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Quatiguá, em 20 de novembro de 2012. Carlos Alberto Tramontin Prefeito Municipal


cmyb

A-8 Geral

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Noite Cultural da Fanorpi bate recorde de público

Priscila Dutra

CASA CHEIAEvento reuniu 150 pessoas e trouxe apresentações de dança e música além de integração entre comunidade coordenadora da entidade, Aparecida Galina. As trinta e sete crianças cantaram, tocaram e emocionaram o público. Na sequência, a Noite Cultural trouxe os dançarinos Kelly e Igor. Os dois repres ent aram a Guarda Mirim Duque de Caxias, de Santo Antônio da Platina. Ao som de Luan Santana, a dupla levantou a plateia com uma coreografia que misturava leveza e sensualidade. Depois, quem subiu ao palco foi a banda jacarezinhense Jardim do Éden. Os músicos lembraram canções de Legião Urbana e também representaram a

Da Assessoria

Cento e cinquenta pessoas participaram, na s e g u n d a - fe i r a , d a Noite Cultural da Faculdade do Norte Pioneiro (Fanorpi). O evento, que ocorreu no au d it ór i o d a f a c u l d a d e , bateu recorde de público e reuniu talentos da comunidade regional e da própria instituição de ensino, que foi representada por estudantes e professores. A atividade começou com a apresentação do C oral e Ins t r u m e nt a l C a s a d a C r i an ç a d e R i b e i r ã o d o Pin ha l, comandada p ela professora Jaqueline e pela

nova música sertaneja ao som de Paula Fernandes. O evento continuou a emocionar o público com a voz p ossante da aluna do quarto período de pedagogia, Natália Melchior, que se apresentou ao som da música gospel. Ela arrancou suspiro do público que aplaudiu e pediu bis. A acadêmica do segundo período de Marketing, Fátima, trouxe a doçura do teclado e deixou o público extasiado. A Noite Cultural continuou com a voz marcante d o profess or Nat an . E le apre s e ntou mú s i c a s d o s anos 80, indo desde Legião

Apresentação do Coral e Instrumental Casa da Criança de Ribeirão do Pinhal

Urbana a Cazuza. Em seguida, o jornalista Celso Felizardo cantou e apresentou breve histórico do rock. Para finalizar a noite, veio o improviso entre Celso, Natan, Abedênio (baterista da Jardim do Éden e aluno do oitavo período de jornalismo) e Camila (segundo período de marketing). Eles deixaram o público em

delírio ao relembrar The Doors. Exposição Paralelamente aos shows, houve a exposição de a r t e s a n at o e o bj e t o s d a Ásia, América Latina e de todas as regiões do Brasil. O acervo pertencente à professora Maria das G r a ç a s Zu r l o c h am ou a atenção pela beleza e valor

histórico. Os d e p ar t ame nto s d e Comunicação Social-Jornalismo e Publicidade e Propaganda e Administração, sob a coordenação de Marcel Carvalho e Maria das Graças Zurlo, respectivamente, que organizaram a Noite Cultural, agradecem a todos que participaram das atividades.

JACAREZINHO

Sicoob realiza jantar de encontro com cooperados que os co op erados tem no Sicoob.

tração do Sicoob Nor te d o Par an á , G e orge Hi O Sistema de Cooraiwa, a união com o perativas de Crédito do Sicoob Norte Pioneiro, Brasil (Sicoob) realizou Incorporações os cooperados só tem a na noite de segunda-feiganhar. ra, na Associação Atlé- como esta Ele explicou que com tica do Banco do Brasil fortalecem a fusão, o Sicoob agora (AABB) em Jacarezinho, está presente em 32 muum jantar de encontro a instituição nicípios da região. A socom os cooperados da e já estão se lenidade oficial da união instituição no Nor te das unidades ainda não tornando uma Pioneiro. aconteceu, mas está preD u r a n t e o e v e n t o , tendência entre as v i s t a p ar a o i n í c i o d e os diretores da coopedezembro. cooperativas” rativa Norte do Paraná Segundo o vice-precom sede em Londrina, Para o vice-presidente sidente do C onselho de explicaram as vantagens do conselho de adminis- A d m i n i s t r a ç ã o d o S i Jivago França

Jivago França

Vice-presidente do conselho de administração do Sicoob Norte do Paraná George Hiraiwa

Sua Vida é seu maior Bem. Utilize Cinto de Segurança.

Triunfo ECONORTE

coob Norte Pioneiro, Tad e u B at i s t a M a r t i n s , a i n c o r p o r a ç ã o j á e s t av a prevista, mas foi antecip ad a p ara que me did as a d m i n i s t r at i v a s pu d e s sem ser tomadas para for talecer a instituição. “Incorporações como esta fortalecem a instituição e já estão se tornando uma tendência entre as c o op e r at iv a s”, e x pl i c ou garant indo ainda que a mudança beneficiará os associados porque vai proporcionar um aumento de capital. Recentemente Martins anunciou que a região ganhará mais seis pontos de atendimento (agênci as) da cooperativa. Cinco deles provavelm e nte s e r ã o i nst a l a d o s em Andirá, Cambará, R ib eirão C l aro, Siqueira Campos e Wenceslau Braz. Atualmente a instituição possui pontos de atendimento em Santo Antônio da Platina e Jacarezinho.

cyan magenta yellow black


cmyb

TRIBUNA DO VALE Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Região

B-1

www.tribunadovale.com.br

Promoção é justa a quem sempre defendeu a região, diz Júnior Afonso Divulgação

HOMENAGEMPresidente do Sindicato Rural comemora promoção de militares que se destacam por ações em favor da comunidade regional Da Assessoria

Não há no Norte Pioneiro quem discorde do recente comunicado de promoção do tenente-coronel Airton Sérgio Diniz e do major Antônio Carlos de Moraes, mas para o presidente do Sindicato Rural Patronal de Santo Antônio da Platina, José Afonso Júnior, a escalada de patente dos dois policiais está muito além de ser apenas uma unanimidade: para o Júnior Afonso, como o presidente do SR é conhecido, a promoção é a justa homenagem há quem tem dedicado sua vida para defender a população do Norte Pioneiro. O comandante do 2º Ba-

talhão de Polícia Militar, com sede em Jacarezinho, tenente-coronel Airton Diniz será promovido à patente mais alta da Polícia Militar do Paraná nas próximas semanas. O oficial passa em breve à patente de coronel. Já major Diniz será promovido à condição de tenente-coronel e deve assumir o 2º Batalhão com a saída de Diniz que por sua vez pode assumir o 2º Comando Regional da PM em Londrina. De acordo com Júnior Afonso, Diniz e Moraes são exemplos para toda tropa de policiais militares e são a mais perfeita definição de honra à farda que envergam. “Tratam-se de dois policiais

que sempre colocaram a segurança da população à frente de suas vidas. São homens que muitas vezes abdicaram do convívio familiar e de amigos para combater a criminalidade. Esta promoção é pouco para compensar tudo que eles representam no Norte Pioneiro”, disse o presidente do Sindicato Rural. Segundo o ex-prefeito e ex-deputado estadual, além da sua relação de compromisso com o Norte Pioneiro, o tenente-coronel e o major sabem como nenhum outro policial passar aos seus subordinados o ideal da PM do Paraná que tem como lema “servir e proteger”. “A PM do Norte

Júnior Afonso entre o tenente-coronel Antônio de Morais e o coronel Diniz

Pioneiro tem sido manchete nos jornais do Paraná sempre de forma positiva. Além disso, não se ouve falar de casos de corrupção ou truculência da PM na nossa região. Tudo isso

ENSINO SUPERIOR

é fruto do trabalho que esses dois oficiais promovem entre sua tropa”, resume. Júnior Afonso apenas lamenta que com a promoção, o futuro coronel Diniz tenha

que deixar a região e teme que o mesmo aconteça com o tenente-coronel Moraes. “Seriam duas perdas irreparáveis para todos que prezam pela ordem pública”.

TURISMO RELIGIOSO

Inep aplica Enade no próximo domingo Rota do Rosário Agência Brasil

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) vai aplicar, no próximo domingo (25), o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) para estudantes universitários que concluem a graduação em todo país. Devido à greve das instituições de ensino superior, foram dispensados os estudantes que colariam grau em agosto deste ano. Também estão liberados do exame, os alunos matriculados em instituição estrangeira e os calouros (alunos ingressantes em 2012). Serão avaliados este ano os cursos de administração, ciências contábeis, ciências econômicas, comunicação social, design, direito, psicologia, relações internacionais, secretariado executivo e

turismo. Os cursos superiores de tecnologia das áreas de gestão comercial, gestão de recursos humanos, gestão financeira, logística, marketing e processos gerenciais também serão avaliados. De acordo com Inep, em 2012 não haverá processo de amostragem. Todos os estudantes que concluem a graduação este ano serão obrigados a fazer a prova. Segundo a autarquia, o aluno concluinte que não realizar a prova não receberá o diploma, já que o Enade é componente curricular obrigatório. Entre os objetivos do Enade está a avaliação do desempenho dos estudantes com relação aos conteúdos previstos nos cursos de graduação e a aferição do nível de atualização dos estudantes com relação à realidade brasileira e mundial. Os resultados da avaliação

promove 1ª Trilha da Fé Da Redação

Estudantes serão obrigados a fazer a prova

são utilizados em atividades de regulação do ensino superior pelo Ministério da Educação (MEC), como a elaboração de conceitos e indicadores de qualidade de instituições de ensino e de seus respectivos cursos. Criado em 2004, o Enade é aplicado anualmente pelo Inep e integra o Sistema

Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). A prova será realizada às 13 horas de domingo (hora de Brasília). Para saber o local, o aluno pode consultar o sistema do Enade com o número do CPF. O resultado do exame deve ser divulgado até dia 25 de dezembro.

Os organizadores da Rota do Rosário - Turismo Religioso – promovem para o próximo dia 25, a primeira Trilha da Fé, no Seminário Menor de Jacarezinho. O evento começa às 8 horas com café da manhã na praça de alimentação. Em seguida, a largada para as trilhas dos ciclistas, caminhadas promovidas pelo SESC, atividades recreativas para crianças, feira de artesanato regional da Rota do Rosário e chegada dos motociclistas. Às 10 horas, haverá louvor com Dago e Banda e às 10h30, Missa com padre Roberto Medeiros, do Santuário de São Miguel Arcanjo, de Bandeirantes. Das 12h às 14 horas, será servido o almoço mineiro e

leitoa recheada. A tarde será animada com musical sertanejo raiz e rock, além de gincanas em várias modalidade. O evento também contará com oito monitores do Senac para divertir as crianças. O Sesc estará com cabeleireiras para fazer o corte de cabelos gratuito para quem se interessar. Quem gosta de plantas terá à disposição flores e plantas, poderá apreciar as espécies trazidas pela Floricultura Takamura de Londrina, como a Rosa do Deserto, que é um arbusto de flores lindas e exóticas, além de pimenteiras e outras. Artesãos da região ainda estarão expondo seus produtos para comercialização. O evento é beneficente e outras informações podem ser obtidas com padre Celso Miqueli pelos telefones 99614146 ou 3534-2767.

“com o curso certo, vou ocupar vagas de empregos em setores carentes de profissionais capacitados.” João, Direito

Na Estácio, você encontra os cursos que fazem sucesso no mercado de trabalho

E mais:

• Material didático interativo em um tablet*, sem custo. Disponível para Direito. • Mais de 40 anos de experiência em mais de 70 unidades em todo o Brasil. • FIES**: estude agora e só pague depois de se formar.

vestibular inscrEVA-sE Já

www.estacio.br 0800 282 3231

*O tablet será entregue em comodato após a renovação da matrícula para o 2º período a ser cursado em 2013.2, exclusivamente para os novos alunos que ingressarem em 2013.1 para os cursos indicados no regulamento disponível no site www.estacio.br. A extensão aos demais cursos e localidades está sob estudo. **A amortização do financiamento só é paga após a conclusão do curso: durante o curso são pagos somente os juros do financiamento. Consulte a lista dos cursos e unidades elegíveis ao FIES, bem como os pré-requisitos e as demais condições para financiamento no site www.estacio.br/fies.

cyan magenta yellow black


B-2 Atas&Editais VENDE-SE

Sobrado em Cambará/Pr. Excelente para ponto comercial/residencial. Esquina: rua Jose Bonifácio com a Rua Otávio R. Ferreira, 1416, medindo 12m de frente x 17,40 m de fundo com área total construída. O imóvel é composto: No térreo: 1 suite, 2 quartos, 1 WC social, 1 escritorio, 1 sala ampla, copa e cozinha conjugada, garagem para 2 veículos. Na parte superior: 02 comodos, 01 banheiro, lavanderia e um terraço amplo. Fone para mais informações: (43) 9977-6824.

VENDE-SE

Sítio Monte Alto, situado no Bairro Taquaralzinho/Cambará-Pr, ladeado pelos vizinhos Pavan e W.Papa, uma área de 6.93645 alqueires com varzea, ao leste, o Rio Ribeirão Taquaral. Fone para mais informações: (43) 9977-6824. MUNICÍPIO DE JOAQUIM TÁVORA DECRETO Nº 2.821/2012 “Dispõe sobre as medidas visando à contenção de despesas no âmbito da Administração Pública Municipal e dá outras providências”. O Prefeito Municipal de Joaquim Távora, Estado do Paraná., no uso de suas atribuições legais e CONSIDERANDO a necessidade de dinamizar a atividade administrativa e operacional do Poder Executivo, minimizando os seus gastos e custos e permitindo melhor aproveitamento dos recursos públicos. CONSIDERANDO a necessidade de assegurar a continuidade dos atendimentos à comunidade de Joaquim Távora em suas necessidades essenciais sem perda de qualidade. CONSIDERANDO o compromisso de manter em dia o pagamento dos fornecedores e dos servidores públicos municipais. E, ainda, CONSIDERANDO a necessidade de realização de relatórios para encerramento de mandato e ainda manter a responsabilidade na gestão fiscal do Município, que se dá mediante diversas ações, em especial, com a manutenção do equilíbrio entre a receita e a despesa pública, DECRETA: Art. 1º O horário de expediente no Departamento Municipal de Administração e Finanças, que funcionam na sede administrativa do Município, situado na Rua Miguel Dias, 226, a partir de 19 de novembro de 2012, será no horário compreendido entre as 8h. e 11h. 30m, havendo EXPEDIENTE AO PÚBLICO durante todo o período mencionado e EXPEDIENTE INTERNO entre as 13h. e 17h. § 1.º - Os serviços de Fiscalização Tributária, de Fiscalização de Obras e Posturas farão atendimento ao público em período integral em regime de plantão. § 2.º - As Unidades dos Postos de Saúde e Programa Saúde da Família, Combate e Prevenção à Dengue manterão o horário normal de expediente. § 3.º - Os serviços de coleta de lixo e limpeza pública funcionarão em expediente normal. § 4.º - O Departamento de Assistência Social fará atendimento no horário especial descrito no caput do presente artigo, devendo atender, no restante do período em sistema de plantão, a ser estabelecido por Resolução do próprio Departamento. § 5º - As Unidades Educacionais seguirão o calendário escolar previamente aprovado pelo Departamento Municipal de Educação. Art. 7º Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrario. Joaquim Távora, em 14 de novembro de 2012. CLAUDIO REVELINO PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 44/2012 - SRP CONVOCAÇÃO O Secretário Municipal de Gestão Administrativa, Finanças e Planejamento, Senhor José Belasque Filho, no uso de suas atribuições CONVOCA, o(s) representante(s) legal(is) das empresas abaixo relacionadas, a comparecer na sede da Prefeitura Municipal de Quatiguá, situada na Avenida Dr. João Pessoa, nº 1.300, Centro, CEP: 86.450000, para assinatura da Ata de Registro de Preços, no prazo máximo de 05 (cinco) dias úteis. Empresa: Ria Medicamentos Ltda.-ME Quatiguá-PR, em 20 de novembro de 2012. JOSÉ BELASQUE FILHO Secretário Municipal de Gestão Administrativa, Finanças e Planejamento PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PR TOMADA DE PREÇOS Nº. 010/2012 EXTRATO DE CONTRATO DATA DA ASSINATURA DO CONTRATO: 20 de novembro de 2012 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE GUAPIRAMA CONTRATADA: VALLE & ASSIS LTDA VALOR: R$ 493.000,00 (quatrocentos e noventa e três mil reais) OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA REALIZAR A EXECUÇÃO DO CALÇAMENTO DE VIAS PÚBLICAS NO CONJUNTO HABITACIONAL PREFEITO JOSÉ NEVES FLORENCIO, DE ACORDO COM ESPECIFICAÇÕES E PROJETO DEVIDAMENTE APROVADO PELO GIDUR/LD.

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ PORTARIA No 370/2012 O Excelentíssimo Senhor José Salim Haggi Neto, Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, usando de suas atribuições legais, que lhe são conferidas por lei, R E S O L V E: Art. 1º Exonerar, a pedido, o servidor HERBERT GIOVANE FERREIRA DOS SANTOS, admitido em 12/06/2012, portador da CTPS nº 1232069 Série 001, RG nº 9.897.298-6, ocupante do cargo de AGENTE DE MANUTENÇÃO MASCULINO. Art. 2º- A presente Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Publique-se, Notifique-se, Cumpra-se. Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 20 de novembro de 2012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TAVORA – PARANA EXTRATO DO 2º TERMO ADITIVO DE CONTRATO REFERENTE AO CONTRATO N.º 065/12 – PREGÃO Nº 019/12 – PMJT PARTES: MUNICIPIO DE JOAQUIM TAVORA e MERCADO VALLE LTDA. OBJETO: De conformidade com as especificações e quantidades de serviços constantes no PREGÃO PRESENCIAL N.º 019/2012 e contrato firmado em 23/04/12, documentação que passa a fazer parte integrante deste contrato, como se nele estivesse integral e expressamente reproduzida. DO REEQUILIBRIO ECONOMICO DO CONTRATO: De comum e tempestivo acordo, por força deste Aditivo Contratual referente ao reequilíbrio econômico- financeiro, sendo: Leite de Vaca Pasteurizado – 1 Litro: do valor de R$ 1,34 para o valor de R$ 1,45, ficando mantidas as demais condições. FORO: Comarca de Joaquim Távora, Estado do Paraná. Joaquim Távora (PR), 09 de Novembro de 2012. PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA Extrato de Aditivo CONTRATANTE: Município de Tomazina. CONTRATADO: CONSTRUTORA C.A.S. LTDA. OBJETO: Pavimentação em pedra irregular contendo os serviços de implantação de galerias de águas pluviais com execução de dissipador, remoção do revestimento primário, regularização do subleito, meio fio, sarjeta, colchão em areia, pedra irregular com travamento em pedrisco, calçadas em concreto, plantio de gramas e arvores, implantação de sinalização vertical, execução de rampas para PPD conforme norma de acessibilidade e placa do programa, no Distrito do Sapé – Tomazina – Paraná PRAZO: 150 DIAS Tomazina, 14 de novembro de 2012.

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PR LICITAÇÃO - MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 042/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE O Município de Guapirama, Estado do Paraná, torna público que fará realizar licitação, na modalidade Pregão Presencial, que tem por objeto a seleção de proposta visando à AQUISIÇÃO DE PEÇAS NOVAS DE 1.ª LINHA PARA OS VEÍCULOS DA FROTA MUNICIPAL, QUE SERÃO RETIRADOS DE ACORDO COM A NECESSIDADE DE CADA DEPARTAMENTO, conforme lotes descritos no edital do pregão presencial 042/2012, valor máximo de R$ 518.729,03 (quinhentos e dezoito mil setecentos e vinte e nove reais e três centavos) assim distribuídos: LOTE I –R$ 51.654,60 (cinqüenta e um mil e seicentos e cinquenta e quatro reais e sesenta centavos); LOTE II –R$ 38.386,00 (trinta e oito mil trezentos e oitenta e seis reais); LOTE III –R$ 85.560,75 (oitenta e cinco mil quinhentos e sessenta reais e setenta e cinco centavos); LOTE IV –R$ 39.000,00 (trinta e nove mil); LOTE V –R$ 79.866,20 (setenta e nove mil oitocentos e sessenta e seis reais e vinte centavos); LOTE VI –R$ 64.653,50 (sessenta e quatro mil seiscentos e cinquenta e três reais e cinquenta centavos). LOTE VII –R$ 71.331,50 (setenta e um mil trezentos e trinta e um reais e cinquenta centavos); LOTE VIII –R$ 63.173,32 (sessenta e três mil cento e setenta e três reais e trinta e dois centavos); LOTE IX –R$ 25.103,16 (vinte e cinco mil cento e três reais e dezesseis centavos). De acordo com especificações e condições constantes do edital de licitação pregão presencial 042/2012 e seus anexos. Data e Horário da Sessão Pública: 05 DE DEZEMBRO DE 2012 ÀS 09:00 HORAS, na sede da Prefeitura Municipal de Guapirama, sita à Rua Dois de Março, 460. O edital completo e informações estão disponíveis aos interessados na Secretaria Geral do Município de Guapirama, na Rua Dois de Março, 460, nos horários das 08:00 às 11:00 e 13:00 às 17:00 horas. A pasta técnica, com o inteiro teor do edital e seus respectivos modelos, adendos e anexos poderão ser examinados no endereço, acima indicado, no horário comercial, ou pelo endereço eletrônico www.guapirama.pr.gov. br. Informações adicionais, dúvidas e pedidos de esclarecimento deverão ser dirigidos à Comissão de Licitação no endereço acima mencionado – fone/fax: (0**43) 3573-1122. Guapirama - PR, 20 de novembro de 2012 ANGELA SOARES DE OLIVEIRA PREGOEIRA PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PR LICITAÇÃO - MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 041/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE O Município de Guapirama, Estado do Paraná, torna público que fará realizar licitação, na modalidade Pregão Presencial, que tem por objeto a seleção de proposta visando à AQUISIÇÃO DE BOLSAS E ESTOJOS QUE SERÃO UTILIZADOS PELA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, conforme lote único descrito no edital do pregão presencial 041/2012, valor máximo de R$ 5.275,00 (cinco mil duzentos e setenta e cinco reais) . De acordo com especificações e condições constantes do edital de licitação pregão presencial 041/2012 e seus anexos. Data e Horário da Sessão Pública: 04 DE DEZEMBRO DE 2012 ÀS 09:00 HORAS, na sede da Prefeitura Municipal de Guapirama, sita à Rua Dois de Março, 460. O edital completo e informações estão disponíveis aos interessados na Secretaria Geral do Município de Guapirama, na Rua Dois de Março, 460, nos horários das 08:00 às 11:00 e 13:00 às 16:00 horas. A pasta técnica, com o inteiro teor do edital e seus respectivos modelos, adendos e anexos poderão ser examinados no endereço, acima indicado, no horário comercial, ou pelo endereço eletrônico www.guapirama.pr.gov. br. Informações adicionais, dúvidas e pedidos de esclarecimento deverão ser dirigidos à Comissão de Licitação no endereço acima mencionado – fone/fax: (0**43) 3573-1122. Guapirama - PR, 20 de novembro de 2012. ANGELA SOARES DE OLIVEIRA PREGOEIRA

PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ DECRETO N.º 047/2012, de 18 de setembro de 2012. O Prefeito Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, usando das atribuições legais, com base na Lei Federal nº 4.320/1964 e na Lei Municipal nº 530/2011 de 12 de dezembro de 2011. D E C R E TA: Art. 1º. - Fica aberto no Orçamento Geral do Município Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 86.277,99 (oitenta e seis mil duzentos e setenta e sete reais e noventa e nove centavos), conforme descrito abaixo: 02 – Executivo Municipal 001 – Gabinete do Prefeito Municipal 04.122.0201.2.003 – Publicação de Atos Oficiais do Município 0016 - FR 000 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 1.500,00 03 – Administração Geral 001 – Departamento de Administração 04.122.0301.2008 – Manutenção do Departamento de Administração 0022 - FR 000 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 200,00 0025 - FR 000 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 2.700,00 03 – Administração Geral 001 – Departamento de Administração 28.846.0303.0009 – Contribuição ao PASEP 0028 - FR 504 – 3.3.90.47.00.00 – Obrigações Tributarias e Contributivas R$ 160,00 03 – Administração Geral 001 – Departamento de Administração 28.843.0000.0.010 – Resgate Dividas Fundada e Contratual 0030 - FR 000 – 4.6.90.71.00.00 – Principal da Divida Contratual R$ 6.200,00 0030 - FR 601 – 4.6.90.71.00.00 – Principal da Divida Contratual R$ 23.173,99 04 – Secretaria de Obras Públicas, Viação e Urbanismo 001 – Depto. de Obras Públicas, Habitação e Urbanismo 15.451.0401.2016 – Manut. do Depto. de Obras Públicas, Habit. E Urban. 0043 - FR 000 – 4.4.90.51.00.00 – Obras e Instalações R$ 8.721,00 04 – Secretaria de Obras Públicas, Viação e Urbanismo 001 – Depto. de Obras Públicas, Habitação e Urbanismo 15.452.0403.2.017 – Manutenção do Almoxarifado e Serviços Gerais 0045 – FR 000 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 8.600,00 0047 - FR 000 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 7.714,00 05 – Secretaria da Saúde 001 – Fundo Municipal de Saúde 10.301.0502.2.022 – Manutenção da Saúde Pública 0063 - FR 303 – 3.3.90.14.00.00 – Diárias – Pessoal Civil R$ 4.610,00 05 – Secretaria da Saúde 001 – Fundo Municipal de Saúde 10.301.0502.2.023 – Manutenção dos serviços de transporte da Saúde 0072 - FR 303 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 1.000,00 05 – Secretaria da Saúde 001 – Fundo Municipal de Saúde 10.301.0509.2.028 – Manut. do Prog. Saúde da Família – P.S.F. – Estado 0090 - FR 496 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 3.700,00 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.365.0603.2.034 – Manutenção da Educação Infantil – Demais recursos 0113 - FR 103 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 735,00 0113 - FR 107 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 594,00 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.361.0605.2.036 – Manutenção do transporte escolar 0121 - FR 104 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 1.070,00 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.306.0606.2.038 – Manutenção da merenda escolar – educação infantil 0122 - FR 125 – 3.3.90.32.00.00 – Material de distribuição gratuita R$ 4.830,00 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 002 – Departamento de Cultura 13.392.0607.2.040 – Incentivo a realização de eventos culturais 0130 - FR 000 – 3.3.90.39.00.00 – Outros serviços de terceiros – Pessoa Jurídica R$ 7.000,00 08 – Secretaria de Assistência Social 002 – Fundo Municipal de Assistência Social 08.244.0805.2.047 – Manutenção do Fundo de Assistência Social. 0155 - FR 000 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 70,00 08 – Secretaria de Assistência Social 003 – Fundo para infância e adolescência 08.243.0802.6.054 – Programa de erradicação do trab. Infantil P.E.T.I. 0174 - FR 730 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 3.700,00 Art. 2º – Para dar cobertura ao crédito aberto no artigo anterior, serão indicados os seguintes recursos: - Superávit financeiro apurado em balanço do exercício anterior: R$ 22.336,93 (vinte e dois mil trezentos e trinta e seis reais e noventa e três centavos), da fonte de recurso 601; - Excesso de arrecadação: R$ 43.120,00 (quarenta e três mil cento e vinte reais), da fonte de recurso 000; R$ 594,00 (quinhentos e noventa e quatro reais), da fonte de recurso 107; R$ 3.000,00 (três mil reais), da fonte de recurso 125; R$ 3.700,00 (três mil e setecentos reais), da fonte de recurso 496; R$ 160,00 (cento e sessenta reais), da fonte de recurso 504; R$ 837,06 (oitocentos e trinta e sete reais e seis centavos), da fonte de recurso 601; R$ 3.700,00 (três mil e setecentos reais), da fonte de recurso 730; - Anulação de dotação: 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 001 – Departamento de Ensino 12.306.0606.2.037 – Manutenção da merenda escolar – ensino fundamental 0127 - FR 125 – 3.3.90.32.00.00 – Material de distribuição gratuita R$ 1.830,00 06 – Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 002 – Departamento de Cultura 13.392.0607.2.040 – Incentivo a realização de eventos culturais 0128 - FR 000 – 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo R$ 7.000,00 Art. 3º. – Este Decreto entrará em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, aos 18 dias do mês de setembro do ano de 2012. Irton Oliveira Müzel - Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL EDITAL DE CLASSIFICAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO – MODALIDADE PREGÃO Nº: 080/2012. Eu Fayçal Melhem Chamma Junior, Pregoeiro Oficial do Município de Ribeirão do Pinhal – Paraná comunico a quem possa interessar, que o procedimento licitatório, visando a renovação de seguros de 04 Kombi (placas ARP 4356; ARP 4360; ARP 4361 e AWA 9588) e 03 micro ônibus (placas ARK 2561; ARL 7646 e ARL 2617), conforme solicitação da Secretaria de Educação, foi realizado na data de 31/10/2012 com início às 09h00min., na modalidade licitatória Pregão Presencial, registrado sob o número 080/2012, e que, após a realização do certame, decidi classificar como ganhador dos lotes disputados a empresa abaixo especificada:

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO DO PINHAL EDITAL DE CLASSIFICAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO – MODALIDADE PREGÃO Nº: 081/2012. Eu Fayçal Melhem Chamma Junior, Pregoeiro Oficial do Município de Ribeirão do Pinhal – Paraná comunico a quem possa interessar, que o procedimento licitatório, visando a aquisição de materiais de expediente com recursos do PDDE para o Centro de Educação Infantil Pequeno Príncipe e Centro de Educação Infantil Irmã Josiane, conforme solicitação da Secretaria de Educação, foi realizado na data de 31/10/2012 com início às 13h30min., na modalidade licitatória Pregão Presencial, registrado sob o número 081/2012, e que, após a realização do certame, decidi classificar como ganhador dos lotes disputados a empresa abaixo especificada:

LOTE 01 02

LOTE 01 02

EMPRESA VENCEDORA CNPJ Allianz Seguros S/A 61.573.796/0001-66 Allianz Seguros S/A 61.573.796/0001-66 Ribeirão do Pinhal, 31 de outubro de 2012. Fayçal Melhem Chamma Junior Pregoeiro Municipal

VALOR 2.616,00 2.685,00

EMPRESA VENCEDORA CNPJ Luiz Roberto Rodrigues Papelaria ME 06.006.493/0001-53 J.dos Santos Neto Papelaria Ltda 04.958.600/0001-18 Ribeirão do Pinhal, 08 de novembro de 2012. Fayçal Melhem Chamma Junior Pregoeiro Municipal

VALOR 835,90 532,20


TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012 PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ LEI Nº 467/2012 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2012. SÚMULA: Disciplina a dação em pagamento de bens imóveis como forma de extinção total ou parcial de crédito tributário e não tributário. A CÂMARA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ – ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU PREFEITO MUNICIPAL SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º - O crédito tributário e/ou não tributário poderá ser extinto, parcial ou integralmente, por requerimento do sujeito passivo, mediante dação em pagamento de bem imóvel situado neste Município. Parágrafo único - O imóvel objeto da dação em pagamento poderá ser de propriedade do sujeito passivo ou de terceiro, desde que este intervenha no requerimento, na escritura pública e apresente a documentação indicada no § 1º do art. 2º desta Lei. Art. 2º. O requerimento, subscrito pelo sujeito passivo e pelo proprietário do imóvel, quando se tratar de imóvel de terceiro, será entregue no Protocolo direcionado a Secretaria Municipal de Finanças, devendo conter as seguintes informações: I. Nome, razão social ou denominação do sujeito passivo e do proprietário do imóvel, quando se tratar de imóvel de terceiro, endereço completo para recebimento de correspondência, número de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) ou Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) do Ministério da Fazenda e no Cadastro Geral de Atividades (CGA) da SEFAZ, quando for o caso; II. Nome completo do signatário, número e órgão emissor de sua identidade, quando firmado pelo representante legal ou procurador; III. Indicação do crédito tributário ou não tributário cuja extinção se pretende; IV. descrição do imóvel que se pretende dar em pagamento, inclusive número de inscrição no Cadastro Imobiliário Municipal e valor estimado. § 1º. O requerimento deverá ser instruído com: I. Documentos de identidade dos signatários; II. Ato constitutivo em vigor, devidamente registrado, e documento que legitime o signatário do requerimento a representála, quando o sujeito passivo ou o proprietário do imóvel for pessoa jurídica; 1 III. Original do instrumento público de procuração, quando o sujeito passivo ou o proprietário do imóvel se fizer representar por procurador, contendo poderes específicos, expedido em prazo não superior a 90 (noventa) dias; IV. Título aquisitivo, plantas e outros documentos necessários à perfeita identificação do imóvel objeto da dação em pagamento; V. Certidão vintenária negativa de ônus, expedida pelo Cartório de Registro de Imóveis competente; VI. Certidões expedidas pelos Cartórios da Comarca de Barra do Jacaré e dos municípios onde o proprietário do imóvel tenha tido sede ou domicílio nos últimos 5 (cinco) anos a seguir indicados: a) Cartório Distribuidor da Justiça Estadual; b) Cartório Distribuidor da Justiça Federal; c) Cartório Distribuidor da Justiça do Trabalho; d) Cartórios de Protesto de Títulos e Documentos. VII. Certidões de regularidade fiscal do proprietário do imóvel a ser dado em pagamento, que compreenderão inclusive: a) certidão negativa de débito perante o INSS; b) certidão negativa de débito perante o FGTS; c) certidões negativas de débito perante as Fazendas Municipal, Estadual e Nacional; d) certidões negativas de débito trabalhista. § 2º. Havendo ações judiciais em curso contra o proprietário do imóvel, deverão ser apresentadas certidões circunstanciadas dos respectivos cartórios indicando a sua situação atual, inclusive, quando for o caso, de embargos à execução. § 3º. Os documentos indicados nos §§ 1º e 2º deste artigo poderão ser apresentados em fotocópias autenticadas ou em vias originais. § 4º. A Secretaria Municipal de Finanças ou a Procuradoria Geral do Município poderá solicitar a juntada de outros documentos necessários à instrução do processo, especialmente nos casos de co-propriedade, bem como a apresentação dos originais dos documentos indicados nos §§ 1º e 2º deste artigo. Art. 3º. Se o crédito tributário que se pretenda extinguir for objeto de execução fiscal movida pela Fazenda Pública Municipal o requerimento de dação em pagamento de imóvel para tal fim importará no reconhecimento, pelo sujeito passivo, da dívida exeqüenda, bem como na renúncia ao direito de discutir sua origem, valor ou validade. § 1º. Se o crédito tributário ou não tributário for objeto de discussão em processo judicial ou administrativo promovido pelo sujeito passivo, este deverá requerer a desistência, no caso de demanda administrativa, ou a extinção do feito, nos termos do art. 269, V, do Código de Processo Civil, quando for o caso de processo judicial, arcando, neste caso, com as custas processuais e honorários advocatícios. 2 § 2º. Não será admitida, em nenhuma hipótese, a dação em pagamento de imóvel para quitação de crédito tributário cuja execução se encontre com praça designada. Art. 4º. Só será admitida a dação em pagamento de imóvel livre e desembaraçado de quaisquer ônus ou dívidas, exceto a referente a crédito tributário ou não tributário para com este Município, e cuja avaliação seja compatível com o crédito que se pretenda extinguir. Parágrafo único. Na hipótese de subsistirem créditos tributários ou não tributários vinculados à propriedade do imóvel a ser dado em pagamento, o valor correspondente à sua avaliação primeiramente servirá para quitação de tais tributos e somente o saldo remanescente poderá ser utilizado para a extinção de outros créditos tributários ou não tributários devidos pelo sujeito passivo. Art. 5º. Protocolado o requerimento, o processo será encaminhado ao Secretário Municipal de Finanças com vistas à avaliação de conveniência e oportunidade de aceitação, pelo Município, do imóvel oferecido em pagamento. Parágrafo único. O Secretário Municipal de Finanças ficará dispensado de atender ao disposto no caput deste artigo na hipótese de já ter sido demonstrado, pelo Titular de outra Secretaria Municipal ou Entidade integrante da Administração Indireta do Município, o interesse público na aquisição do imóvel. Art. 6º. Evidenciado o interesse do Município na dação em pagamento, o processo será encaminhado aos órgãos competentes da Secretaria Municipal de Finanças para que sejam adotadas as seguintes providências: I. Apuração dos créditos tributários ou não tributários, inscritos ou não na Dívida Ativa; II. Apuração dos créditos tributários ou não tributários, inscritos ou não na Dívida Ativa, cuja quitação, total ou parcial, é pretendida com a dação em pagamento; III. Avaliação administrativa do imóvel oferecido em pagamento. § 1º. Na hipótese de haver cobrança judicial dos créditos

Atas&Editais B-3 tributários ou não tributários referidos nos incisos I e II ou impugnação judicial de quaisquer deles pelo sujeito passivo da obrigação, será a Procuradoria Geral do Município comunicada para a adoção das seguintes providências: I. Requerer, em juízo, a suspensão das execuções fiscais correspondentes, pelo prazo de 90 (noventa) dias, prorrogáveis, se houver fundada necessidade, desde que esse ato não acarrete prejuízos processuais ao Município; II. Solicitar ao sujeito passivo a comprovação de desistência das ações movidas contra o Município relacionadas ao crédito tributário ou não tributário que se pretenda extinguir. 3 § 2º. A avaliação administrativa que se refere o inciso III observará critérios técnicos e adequados às especificidades, bem como efetiva situação do imóvel e ficará a cargo de uma comissão avaliadora, composta por servidores municipais, podendo ser acompanhada pelo sujeito passivo, se assim ele desejar. § 3º. Finda a avaliação, será o sujeito passivo cientificado, cabendo-lhe sobre a mesma se pronunciar no prazo de 5 (cinco) dias. A ausência de manifestação no prazo consignado importará em concordância com o valor determinado. § 4º. Se o sujeito passivo não concordar com o valor da avaliação, poderá, mediante requerimento no qual indique as razões técnicas de sua discordância, pedir revisão da avaliação, que será realizada no prazo de até 30 (trinta) dias. § 5º. Ultimadas as providências elencadas no caput deste artigo, os autos serão remetidos a Procuradoria Geral do Município que opinará sobre a regularidade do feito e viabilidade jurídica do deferimento do pedido de dação em pagamento, competindo ao Procurador Geral do Município, estando regular o processo, submetê-lo ao Prefeito Municipal para autorização da dação em pagamento. § 6º. Autorizada a dação em pagamento pelo Chefe do Executivo Municipal, o requerente será notificado pra providenciar, no prazo de até 60 (sessenta) dias, a escritura pública de dação em pagamento, arcando o mesmo com as despesas e tributos incidentes na operação. § 7º. Após a apresentação da escrita pública, devidamente registrada no respectivo cartório de registro de imóveis, será encaminhado o processo ao setor competente para que se proceda à extinção, total ou parcial, do crédito tributário ou não tributário, mediante a respectiva baixa na Dívida Ativa ou no Cadastro Fiscal, nos limites estabelecidos na escritura, remetendo-se o feito, posteriormente, ao setor encarregado para a devida incorporação do imóvel ao patrimônio do Município. § 8º. Após a baixa dos débitos na Dívida Ativa, a Procuradoria Geral do Município providenciará a extinção das execuções fiscais e/ ou ações judiciais de qualquer natureza acaso existentes, cumprindo ao sujeito passivo o pagamento das custas processuais e honorários advocatícios correspondentes. § 9º. Findo o prazo fixado no § 6º deste artigo, e não ocorrendo a entrega da escritura pública, devidamente registrada, será dado prosseguimento aos procedimentos legais para a cobrança da dívida tributária ou não tributária. § 10º. Se o imóvel não for suficiente para a quitação integral do crédito tributário, o sujeito passivo deverá liquidar o saldo, até a data da entrega da escritura, mediante pagamento em dinheiro, de uma só vez ou parceladamente em até 24 (vinte e quatro) meses, na forma da Lei sob pena de: 4 I. Prosseguimento das ações judiciais relativas ao saldo remanescente, se ajuizada; II. Adoção dos procedimentos legais com vistas à sua execução e/ou cobrança, caso não se encontre a dívida ajuizada. Art. 7º. Na hipótese do valor do imóvel ser superior ao do débito tributário, o Poder Público, a pedido do interessado, poderá autorizar a futura compensação de tributos devidos ao Município de Barra do Jacaré, na forma da legislação municipal em vigor. Art. 8º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Paço Municipal José Galdino Pereira, Gabinete do Prefeito Municipal, em 05 de novembro de 2012. Edimar de Freitas Alboneti Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ LEI Nº. 1.792/2012. SÚMULA: Institui a data base salarial dos Servidores Públicos da Administração Direta do Município de Quatiguá, Estado do Paraná. A Câmara Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte lei: Art. 1º - Fica instituído o mês de março de cada ano como data base para a revisão geral anual, sem distinção de índices, da remuneração dos servidores públicos da administração direta do Município de Quatiguá, Estado do Paraná, excetuando-se os servidores integrantes do quadro do magistério. Art. 2º - Fica instituído o mês de janeiro de cada ano como data base para a revisão geral anual, sem distinção de índices, da remuneração dos servidores integrantes do quadro do magistério do Município de Quatiguá, Estado do Paraná. § 1º - O Chefe do Poder Executivo Municipal fica obrigado a desencadear anualmente o projeto de lei específico promovendo a revisão geral da remuneração dos servidores públicos da Administração direta e do magistério do Município de Quatiguá. § 2º - A revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos da Administração direta do Município de Quatiguá será realizada pela aplicação do índice nacional de preços ao consumidor – INPC (IBGE) ou outro que vier a substituí-lo, acumulado nos 12 (doze) meses anteriores, o qual incidirá sobre os valores previstos na tabela de vencimentos vigente. § 3º - A revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos integrantes do quadro do magistério será realizada pela aplicação do índice anual estabelecido pelo Ministério da Educação, nos termos da Lei Federal nº. 11.1738/2008 e alterações posteriores, o qual incidirá sobre os valores previstos na tabela de vencimentos vigente. Art. 3º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir do exercício de 2013. Gabinete do Prefeito Municipal de Quatiguá, em 20 de novembro de 2012. Carlos Alberto Tramontin Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ LEI Nº. 1.794/2012. Súmula: Determina às Instituições Bancárias obrigações relativas ao atendimento dos usuários nas agências bancárias situadas no território do Município de Quatiguá e dá outras providências. A Câmara Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei Art. 1º As Instituições Bancárias com agências situadas no Município de Quatiguá, Estado do Paraná, deverão efetuar atendimento em tempo razoável. § 1º Para os fins desta Lei, entende-se como tempo razoável de atendimento, o prazo máximo de quinze minutos em dias normais e de vinte e cinco minutos em dias precedentes ou posteriores a feriados prolongados ou pagamento de servidores públicos. § 2º Nas agências de que trata o caput, os bancos são obrigados a fornecer aos usuários senhas numéricas de atendimento que identifiquem a instituição bancária e a agência, registrem o horário de entrada e de efetivo atendimento, bem como disponibilizar em local visível a informação da escala de trabalho dos caixas e demais funcionários da agência. Art. 2º O atendimento preferencial, aos maiores de sessenta e cinco anos, gestantes, pessoas portadoras de deficiência física e pessoas com crianças de colo, será realizado através de senhas numéricas preferenciais e oferta de no mínimo quinze assentos de correta ergometria. Art. 3º Os bancos deverão disponibilizar em todas as suas agências, pelo menos, um bebedouro de água e um banheiro para uso dos clientes. Art. 4º Os bancos deverão exibir em local visível nas suas agências as seguintes informações: o número desta Lei; o tempo máximo de espera para atendimento nos caixas; o direito a senha numérica onde conste horário de entrada e de atendimento; o direito a no mínimo quinze assentos para uso preferencial de idosos, portadores de deficiência, gestantes e pessoas com crianças de colo; e os locais do bebedouro e do banheiro para uso dos clientes. Art. 5º O não cumprimento desta Lei sujeitará o infrator às seguintes penalidades, aferidas relativamente a cada agência onde se verificar a infração: I – advertência, com prazo de trinta dias para regularização; II - multa de dois mil reais na primeira autuação; III - multa de cinco mil reais na segunda autuação; IV – multa de dez mil reais na terceira autuação; V - multa de quinze mil reais na quarta autuação; VI - multa de vinte mil reais na quinta autuação; VII – suspensão da licença de funcionamento da agência, por prazo indeterminado. § 1º A suspensão da licença de funcionamento somente cessará mediante a regularização do atendimento nos moldes previstos nesta Lei. § 2º O auto de infração será publicado no Diário Oficial do Município. Art. 6º O Município disponibilizará meios eficazes para o recebimento das denúncias e respectiva averiguação, bem como para a fiscalização do cumprimento desta Lei. Art. 7º Os Bancos terão o prazo máximo de cento e vinte dias, a contar da data da publicação desta Lei, para adequarem o atendimento ao público nas agências situadas em território do Município de Quatiguá ao disposto nesta Lei. Art. 8º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Quatiguá, em 20 de novembro de 2012. Carlos Alberto Tramontin Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO JACARÉ PORTARIA nº 253/2012. SÚMULA: Dispõe sobre concessão de auxilio-natalidade que abaixo especifica e dá outra providencias. O Prefeito Municipal de Barra do Jacaré, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e conforme o contido no Art. 212 da Lei Municipal nº 16/93: RESOLVE: I – CONCEDER, a servidora pública municipal, Srª ADRIELI POCCI ZANATTA MAZZARO, portadora de CTPS nº 5537170/001-0/PR, RG nº 8.648.192-8 SESP/PR e inscrita no CPF/MF nº 049.836.729-07, AUXÍLIO-NATALIDADE, valor referente ao menor piso salarial pago pelo município, em virtude de nascimento de filha, conforme Certidão de Nascimento nº 06712 Fls. 066 e Lv. A-013, CRC Barra do Jacaré – Comarca de Andirá - PR, e requerimento protocolados sob nº 5269 em 20/11/2012. II – Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Barra do Jacaré, em 20 de novembro de 2012. Edimar de Freitas Alboneti Prefeito Municipal EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nos termos da legislação estatutária em vigor, ficam convocados por este Edital, todos os eleitores filiados ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro – PMDB, neste Município de Quatiguá, para a CONVENÇÃO MUNICIPAL que será realizada no dia 28 de novembro de 2012, com inicio às 17:00 horas e encerramento às 22:00 horas, na sede da Câmara Municipal de Quatiguá – PR, localizada na Rua Lourenço Ormeneze, nº 105, nesta cidade, com a seguinte ORDEM DO DIA: a) Eleição, por voto direto e secreto, do Diretório Municipal. b) Eleição, por voto direto e secreto, do (s) Delegado(s) e respectivo(s) suplente(s) à Convenção Estadual. c) Eleição, por voto direto e secreto da Comissão de Ética e Disciplina e seus suplentes. d) Eleição, por voto direto e secreto, da Comissão Executiva e seus Suplentes, do Conselho Fiscal e Suplentes, pelo Diretório Municipal eleito e imediatamente após a Convenção. Quatiguá – PR, em 20 de novembro de 2012. JOSUE DE PADUA MELO PRESIDENTE DO DIRETÓRIO MUNICIPAL DO PMDB DE QUATIGUÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-PARANÁ LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 44/2012SRP AVISO DE HOMOLOGAÇÃO Expirado o prazo recursal torna-se pública a homologação do procedimento licitatório em epígrafe: Objeto: registro de preços destinado a aquisição de medicamentos da tabela ABCFARMA de A a Z (Associação Brasileira do Comércio Farmacêutico), para pacientes da Secretaria Municipal de Saúde. • Empresa: Ria Medicamentos Ltda.-ME. Lote nº 01: Medicamentos da tabela ABCFARMA de A a Z - Éticos 16% (dezesseis por cento) Lote nº 02: Medicamentos da tabela ABCFARMA de A a Z - Genéricos 20% (vinte por cento) Lote nº 03: Medicamentos da tabela ABCFARMA de A a Z - Similares 20% (vinte por cento) Quatiguá-PR, em 20 de novembro de 2012. CARLOS ALBERTO TRAMONTIN Prefeito Municipal

MUNICIPIO DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA - PARANÁ TOMADA DE PREÇOS Nº 09/2012 - PROCESSO Nº 871/2012 - AVISO DE ADJUDICAÇÃO E HOMOLOGAÇÃO Torna publica a Homologação e Adjudicação do Procedimento Licitatório Modalidade Tomada de Preços sob o nº 09/2012 que tem como objeto a Contratação de Empresa de Engenharia ou de Arquitetura e Urbanismo, a qual fornecerá materiais e mão-de-obra especializada para a Construção de 01 (uma) Unidade de Educação Infantil tipo "B", com área de 1.118,48m², e prazo de 300 (trezentos) dias para a execução - CONVÊNIO: Ministério da Educação - FNDE-PROINFANCIA-ESPAÇO EDUCATIVO INFANTIL; à(s) empresa(s): Nome do Fornecedor CNPJ Valor Dal Bianco Engenharia Ltda 02.681.453/0001-56 1.337.829,48 Santo Antônio da Platina, 13 de Novembro de 2012. MARIA ANA V. G. POMBO Prefeita Municipal


cmyb

TRIBUNA DO VALE

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Social

E-mail: social@tribunadovale.com.br

Da Assessoria

Pulseirismo

Assim é chamada a tendência para o mix de pulseiras de diferentes estilos e materiais que podem ser usadas ao mesmo tempo. A aposta para o verão é misturar braceletes, relógios, pulseirinhas hippies, correntes, couros, spikes, caveiras e tricot. Para compor um look que combine com esta tendência, respeite o seu estilo e a combinação de cores. Se você for mais romântica opte por pulseiras mais delicadas, ou com brilho e metal, mas se você for clássica, misture o dourado e o prata com cores sóbrias.

Looks

Visita A prefeita municipal de Jacarezinho Tina Toneti e seu irmão, secretário municipal de gabinete, Felipe Toneti, foram recebidos recentemente pela ministra chefe da Casa Civil Gleise Hoffmann em Brasília, para discutirem assuntos ligados à região do Norte Pioneiro do Paraná

No domingo (18.11), o American Music Awards reuniu em Los Angeles principais nomes da música pop. No red carpet, os vestidos bordados dominaram, junto a cores delicadas como rosa, amarelo e dourado

Platina Filmes

Reflexão

Os olhos são os intérpretes do coração, mas só os interessados entendem essa linguagem. (Autor Desconhecido)

Sombra Verde

Vai começar a maratona de festas de final de ano e se você já está agendada para alguma formatura, comemoração da firma ou o que pintar, a sugestão do Blog do Marcos Costa é uma maquiagem com destaque para sombra verde. De acordo com o maquiador antes de colorir os olhos, usar uma base compacta em todo rosto. O produto faz a maquiagem durar por mais tempo. Em seguida, vem a sombra em pó verde metalizada em toda pálpebra superior da raiz dos cílios até a dobrinha dos olhos. A cor está em alta na beleza e é democrática: deixa todas lindas.

Casamento Uniram-se pelos laços do matrimônio, no último dia 10, na Capela do Asilo, em Santo Antônio da Platina, o casal Bruna e Renato. Após a bela cerimônia os noivos recepcionaram amigos e familiares em uma deliciosa festa na Associação da Princesa do Norte. Felicidades!

H ORÓSCOPO PARA HOJE Áries Antes que o Sol saia de Escorpião use seu faro na área financeira. Estabeleça regras com sócios e clientes, cobre o que lhe devem, faça planos para saldar dividas. Um sexto sentido poderoso coordenará suas decisões.. Amor em tom neutro.

Gêmeos Instabilidade astral com excesso de demanda externa começa a mexer com sua saúde, portanto é bom repensar sua rotina o quanto antes! Marte traz sócios, clientes e competidores que sabem muito bem o que querem.

Leão Irmão ou próximo com problemas: confira, estenda a mão. Setor afetivo em alta, invista em mais versatilidade, abertura e renovação. Terá a discriminação necessária para que tudo fique sob controle nos negócios com clientes.

Libra Estes são dias especiais para você impor com jeito e graça a sua necessidade de ser mais respeitado e levado em consideração pelos demais. Especialmente ao lidar com parentes, seja claro, não deixe ninguém avançar demais.

Sagitário Manhã contraditória, em que você tende a enfiar os pés pelas mãos em matérias emocionais, domesticas e de saúde. Espere a tarde para um período mais límpido e tranqüilo. Lua crescente anima um caso amoroso.

Aquário Lua em seu signo hoje configura dois dias para se cuidar, atender a suas necessidades e escutar suas reivindicações essenciais. O mundo pode esperar; você está refinando sua percepção e se ajustando a novas demandas.

Touro Se você tem novos relacionamentos em perspectivas, chegou a hora de ir conferir. Tome os próximos dias para essa avaliação, sondando melhor o terreno. Negócios com outras pessoas também se beneficiam dessa atitude..

Câncer Através de uma conversa esclarecedora você se situará melhor, tanto num assunto de trabalho, quanto numa relação amorosa. Por isso é importante escolher bem com quem vai falar! Você precisa de apoio e estimulo.

Virgem Interferências na intimidade aposte numa atitude mais cientifica do que romântica para lidar com sua realidade afetiva. Finanças caminham bem. Noticias de um amigo de fora alavanca esperança de projeto comunitário.

Escorpião Em breve o Sol vai sair do seu signo, então aproveite para dar avançar um pouco mais nos seus interesses, mantendo um olho especial nos cuidados físicos. Caprichar na aparência e investir em uma qualidade de vida melhor é de lei!

Capricórnio Detalhamento de planos, praticidade nos métodos, confiança em procedimentos testados, ordem e cautela nas iniciativas de expansão profissional. Aja com um grupo, evitando atitudes individuais. Finanças em destaque.

Peixes Pela manhã, evite reuniões para neutralizar tendência a disputas por poder. Pessoa querida em dificuldade pode precisar de ajuda até financeira, fique de olho. Gastos e empréstimos em destaque. Peça comprovantes.

cyan magenta yellow black

TRIBUNA DO VALE EDIÇÃO Nº 2273  

21 DE NOVEMBRO DE 2012

Advertisement