Issuu on Google+

cmyb

Terça-feira 260 140

DIRETOR: BENEDITO FRANCISQUINI

17 DE ABRIL DE 2012

www.tribunadovale.com.br

LUTO Morte de Carlinhos Ferreira comove platinenses Centenas de pessoas acompanharam o sepultamento, no sábado, do comerciante Carlos Alves Ferreira, em Santo Antonio da Platina. “Carlinhos Ferreira”, como era conhecido. Havia feito uma cirurgia no quadril na semana passada em Londrina e ao voltar para casa na última sexta-feira para se recuperar acabou passando mal e faleceu na madrugada do sábado, em sua casa, vítima de uma embolia pulmonar, aos 65 anos.  PÁG. A5

GOVERNO

MINHA CASA, MINHA VIDA

Caixa não atinge meta de contratos em 2011

Antônio de Picolli

Durante 2011, foram feitos apenas 274 contratos; porém, até o momento, já foram fechados mais de 500 nos cinco municípios da abrangência da CEF

Mesmo tendo aumentado em 25% o número de convênios para construção de moradias populares do programa Minha Casa, Minha Vida, em relação a 2010, a Caixa Econômica Federal não conseguiu atingir a meta pré-estabelecida para 2011, que era fechar 450 contratos. Ao todo, foram apenas 274, que compreenderam os municípios de Barra do Jacaré, Guapirama, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul e Santo Antônio da Platina. O gerente admitiu que não foi

Beto Richa estará na região nesta sexta-feira 

ANO XVI - N0 2125 - R$ 1,00

PÁG. A3

TRANSPORTE

Trecho da PR 092 entre Santo Antônio de Andirá em obras

possível alcançar a meta por diversos motivos, um deles foi a dificuldade de se adequar a um novo sistema de atendimento padronizado em todas as agências da Caixa. Com tudo nos eixos, o gerente da agência de Santo Antônio da Platina da Caixa Econômica Federal (CEF), Dovonzir de Morais já mira novas metas para 2012. Segundo ele, só este ano, a agência já fez 533 contratos nos cinco municípios de sua abrangência.  PÁG. B1

G5

Tina promete ampliar trabalho do antecessor

Antônio de Picolli

Trecho é muito usado por veículos pesados e precisa de manutenção constante

Um trecho da PR 092 que liga Santo Antônio da Platina a Andirá está em manutenção. Segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), o trecho faz a ligação entre as BRs 369 e 153 e se tornou um corredor para o escoamento de cargas para o Porto de

OMISSÃO

DROGAS

Paranaguá. O tráfego pesado de caminhões que chegam do interior paulista, via Palmital e Porto Leopoldino, passando por Andirá, Barra do Jacaré e Santo Antônio da Platina, é motivo constante de atenção dos técnicos do DER.  PÁG. A5

CORRETORES

ELEIÇÕES

Motorista atropela três, mata dois e foge

Adolescente é preso com 221 quilos de maconha

Júnior Pucci é eleito novo presidente do Creci

Amunorpi orienta sobre condutas proibidas

PÁG. A6

PÁG. A6

PÁG. A8

PÁG. A8

Tina Toneti assumiu o lugar de Geraldo Maurício Araújo, que se afastou para concorrer às próximas eleições

A nova presidente do Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Bacia do Rio Paranapanema ( G5), a prefeita de Jacarezinho, Tina Toneti (PT) assumiu a função na tarde de ontem, prometendo ampliar ainda mais os trabalhos já desenvolvidos por Geraldo Maurício Araújo, prefeito de Ribeirão Claro. O G5 é composto pelos municípios de Ribeirão

Claro, Jacarezinho, Carlópolis, Guapirama e Joaquim Távora. Ela elogiou o trabalho do antecessor. “Os projetos desenvolvidos pelo G5 atingem diversos setores da sociedade e beneficiam a população dos municípios que compõem o consórcio. Vou trabalhar para valorizar os trabalhos já iniciados pelo expresidente Maurício Araújo”, afirmou.  PÁG. A5

cyan magenta yellow black


A-2 Opinião

TRIBUNA DO VALE

Agora, a notícia é de que o PT e o ex-presidente querem evitar a repercussão do julgamento do caso sobre as eleições municipais, coisas que são absolutamente diferentes e não têm a menor relação entre si.”

Todo dia o Jornal Nacional fala dos índices das bolsas de valores, dos mercados e das economias mundiais, mas passa semanas sem falar de educação, que poderia ter definido como critério falar ao menos uma vez por semana, regra a ser seguida por todos os programas de televisão e de rádio.”

Editorial

Ademar Traiano *

Pressão inadmissível

SE for verdade que o ex-presidente Lula e integrantes do PT estariam pressionando os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) a adiar para o próximo ano ou desmembrar o processo do “mensalão”, cujo julgamento deverá ser marcado para os próximos meses, estaríamos diante de uma situação gravíssima e inadmissível num país que busca a todo custo firmar-se como nação democrática. A motivação seria evitar que a decisão judicial possa prejudicar a campanha dos candidatos petistas às eleições municipais. Seja qual for o motivo, a notícia – divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo – é grave e merece uma rigorosa apuração. Como pode o ex-chefe de Estado e seu partido, ao qual está filiada boa parte dos réus do processo, pressionar os ministros da mais alta corte de justiça do país? Se confirmada, essa ação colocará sob suspeita a própria segurança jurídica nacional. Em todos os paises livres, o Judiciário é o último bastião, E ainda numa sociedade como a nossa, onde os outros dois poderes – Executivo e Legislativo – padecem pela falta de maior credibilidade, é inadmissível aceitar que os ministros do STF possam atuar sob pressão e, especialmente, que as supostas ingerências possam resultar na alteração de suas decisões. Admite-se única e exclusivamente que os réus, pelos seus defensores, busquem os recursos de defesa legalmente instituídos, jamais a interferência de terceiros, por mais representativos e privilegiados que sejam. Espera-se que a própria corte judicial busque os fundamentos do noticiário e promova as devidas 22:10

apurações ou que o ex-presidente ou demais citados como pressionadores se expliquem. A sociedade não pode abrir mão de um Judiciário independente e eficaz. Além disso, espera com certa impaciência uma conclusão para o vergonhoso escândalo do mensalão, eclodido há sete anos, quando ficamos sabendo que havia um esquema fraudulento retirando dinheiro dos cofres públicos para pagar propinas mensais a deputados que se comprometessem a votar com o governo. Agora, a notícia é de que o PT e o ex-presidente querem evitar a repercussão do julgamento do caso sobre as eleições municipais, coisas que são absolutamente diferentes e não têm a menor relação entre si. É inaceitável e merece todo o repúdio da sociedade qualquer ação política ou corporativa sobre os órgãos judiciais. Não podemos nos esquecer de que todas as questões não resolvidas na própria origem, sejam elas na administração pública, na empresa ou até na vida privada, seguem para a apreciação do Judiciário. Os juízes, desembargadores e ministros das diferentes instâncias têm características profissionais próprias e precisam desfrutar de toda a liberdade para decidir conforme suas convicções e o conjunto probatório existente nos autos. Tudo o que for diferente disso será impróprio e contrário aos interesses da sociedade. Pressão política ou corporativa contra o Judiciário é o maior palavrão que se profere contra a democracia. Temos de evitá-lo a todo custo...

C HARGE

chargeonline.com.br

NESTA EDIÇÃO TEM

22 PÁGINAS CADERNO PRINCIPAL - OPINIÃO - POLÍTICA - GERAL - CIDADES - COTIDIANO - ESPORTES - AGRONEGÓCIO

A 01 - 08 A 02 A 03 A 04 A 05 A 06 A 07 A 08

2ª CADERNO - AGRONEGÓCIO - ATAS & EDITAIS - SOCIAL

B 01 - 08 B 01 B 02 - 07 B 08

3º CADERNO - ATAS & EDITAIS

C 01 - 06 C 01 - 06

Pedro Cardoso

A RTIGO

E DITORIAL

HORÁRIO DE FECHAMENTO

Terça-feira, 17 de abril de 2012

Contratos de gestão A ambição de qualquer administrador público é ter a rapidez de resultados que se espera encontrar na iniciativa privada, mantendo a visão social que deve ser uma das características principais da administração pública. O governador Beto Richa vem perseguindo essa meta em todos os cargos executivos que ocupou. Para atingi-la, desenvolveu uma série de estratégias administrativas. Uma delas foi implantada no governo do Estado, na última segunda-feira (9). Trata-se de uma política que já se revelou bem sucedida na Prefeitura de Curitiba: é o Contrato de Gestão. Como aconteceu com os secretários municipais, no tempo da Prefeitura de Curitiba (2005-2010), todos os secretários de Estado foram convocados a assinar contratos com o governador. Nos contratos, eles se comprometem a atingir metas administrativas até o final de cada ano. Não se trata de uma formalidade. Objetivos estabelecidos nos contratos que não atingidos terão de ser explicados ao governador e secretários que não alcançarem um desempenho compatível com as expectativas podem ser substituídos. Os objetivos dos contratos de gestão estabelecidos pelo Beto Richa para seus secretários para 2012 são ambiciosos. São 194 projetos e 299 metas distribuídas em cinco áreas estratégicas. Entre elas, 76 metas de proteção social, 73 de desenvolvimento econômico, 74 na gestão e planejamento, 38 na gestão de território e 38 na direito e cidadania. Na área de segurança o contrato prevê a instalação de dez novas Unidades do Paraná Seguro (UPS) pelo Estado, a exemplo daquela implantada no Uberaba, em Curitiba. Na educação o destaque é para a inclusão de 200 mil alunos no regime de educação integral até o fim do ano. Ainda na segurança pública, o foco do contrato de gestão, além da instalação das novas UPS, é o atendimento ao cidadão. Entre as metas estão à modernização e o aumento da eficiência do atendimento eletrônico; a construção de novas delegacias; modernização do Instituto Médico-Legal e do Instituto de Identificação além da implantação dos módulos policiais. Para o governador Beto Richa, os contratos de gestão representam a reafirmação dos compromissos assumidos na campanha eleitoral. Tudo o que foi prometido durante está sendo cobrado por ele dos secretários, preto no branco, em contratos formais que estabelecem metas e prazos para que o que foi prometido à população seja realizado. “Estamos adotando uma prática moderna, que nos dará mais agilidade, menos burocracia e acima de tudo profissionalismo em uma gestão pública que zela por bons resultados”, afirmou Beto Richa. “Eu assinei um contrato de gestão com os paranaenses quando fui candidato. Fui eleito porque aprovaram as propostas que apresentei. Hoje me cabe dividir com toda a equipe de secretários todos os compromissos de atingir as metas em favor do Paraná”, concluiu o governador. *Ademar Traiano é deputado estadual pelo PSDB e líder do governo na Assembleia Legislativa.

PREVISÃO PARA HOJE

A RTIGO

260 140

Pedro Cardoso *

Ler faz crescer SANTO ANTÔNIO DA PLATINA

A RTIGO Pe. David Francisquini *

Santo Agostinho, Bento XVI e Cuba

“Hoje é evidente que a ideologia marxista, na forma em que foi concebida, já não corresponde à realidade” (S.S. Bento XVI, in OESP 24/3/12, pg. A26). Perplexo, um amigo me procurou e disse: “Padre, o que se conclui das palavras de Sua Santidade é que se hoje é evidente que a ideologia marxista já não corresponde à realidade, antes não era evidente, portanto, ela correspondia à realidade”. E acrescentou: “Ora, tendo diversos predecessores de Bento XVI condenado essa ideologia como intrinsecamente perversa e oposta per diametrum à doutrina católica, eu simplesmente não compreendo como ela pode ter sido em algum momento aceitável e correspondido à realidade das coisas”. Pus-me então a refletir e concluí que não tinha como discordar, pois de fato muitos Papas afirmaram que o marxismo – ideologia que nega a Deus e os frutos da Redenção ao pregar o materialismo como ideal metafísico – é intrinsecamente perverso. E os regimes que o adotam não apenas pregam, mas combatem

por todos os meios, a civilização cristã e os valores emanados do Supremo Magistério da Igreja. Enquanto refletia, passavam pela minha mente algumas notícias que eu acabava de ler nos jornais. Uma delas informava que o cardeal de Havana, D. Jaime Ortega, chamou a polícia comunista para expulsar de uma igreja os católicos que ali estavam em vigília de orações para protestar contra o regime opressor. Outra notícia dizia que o Núncio Apostólico se negou a receber uma comitiva de católicos perseguidos pelo comunismo que lhe fora pedir para ter um breve encontro com Bento XVI. Pensei comigo: se os próprios prelados cuja obrigação é defender o seu rebanho o tratam deste modo, o que dizer então dos ditadores comunistas e de seus sequazes? Entre uma declaração perplexitante e dois fatos concretos angustiantes recorri a Santo Agostinho. Nele encontrei estas considerações sobre a Santa Igreja repassadas de unção, que me muito me consolaram. “Ó Santa Igreja de Deus, tu

TRIBUNA DO VALE

O Diário da nossa região - Fundado em agosto de 1995 Editora Jornal Tribuna do Vale LTDA CNPJ 01.037.108/0001-11 Matriz: Rua Tiradentes 425, Centro Santo Antônio da Platina, PR Fone/Fax: 43 3534 . 4114

Diretor Responsável Benedito Francisquini - MTB 262/PR tribunadovale@tribunadovale.com.br tribunadovale@uol.com.br

conduzes e instruis as crianças com ternura, os jovens com força, os anciãos com calma, como comporta à idade, não apenas do corpo, mas ainda da alma. [...] Tu ensinas aos reis que se devem dedicar a seus povos, e prescreves aos povos que se submetam aos reis. Tu ensinas com cuidado a quem se deve a honra, a quem o afeto, a quem o respeito, a quem o temor, a quem a consolação, a quem a advertência, a quem o estímulo, a quem a correção, a quem a repreensão e a quem o castigo. Tu fazes saber como, se nem todas as coisas são devidas indistintamente a todos, a todos se deve a caridade e a ninguém a injustiça” (De moribus Ecclesiae, cap. XXX, nº 63). Com efeito, após essa bela apóstrofe de Santo Agostinho, basta um breve exame da doutrina da Igreja e de sua História para nos darmos conta de até que ponto ela é verídica para todos os povos e em todas as épocas. Haveria para o Estado interesse mais fundamental, mais indispensável, mais sagrado do que se enriquecer com os inesti-

máveis benefícios que só da ação da Igreja — acentuamos a palavra “só” — lhe pode provir? Só a Igreja é capaz de unir, não só em sociedade, mas numa espécie de convivência pacífica, os cidadãos aos cidadãos, as nações às nações e os homens entre si pela lembrança de nossos primeiros pais. Ressalta ainda o grande Santo Agostinho que, se seguir o que Nosso Senhor nos ensinou, a sociedade inteira tenderá naturalmente ao progresso, ao bem-estar e à harmonia. Exatamente isso é que não existe em Cuba após mais de 50 anos de comunismo, pois seu regime proíbe a propriedade particular assegurada em dois Mandamentos da Lei de Deus, coíbe a livre iniciativa, nega a família e a liberdade enquanto direitos fundamentais da pessoa humana. Em suma, Cuba é a própria injustiça que tornou a vida desumana, fruto da ideologia marxista – tanto de ontem como de hoje. *Sacerdote da Igreja do Imaculado Coração de Maria- Cardoso Moreira-RJ

Representação: MERCONET Representação de Veículos de Comunicação LTDA Rua Dep. Atílio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 ¦ Fax: 41-3079-3633 Vendas Assinatura Anual R$ 200,00 Semestral R$ 100,00

Impressão e Fotolito: Editora Jornal Tribuna do Vale Fone/Fax : 43 3534 . 4114

Ao contrário de anos anteriores, o debate sobre a educação formal, do ensino, e, especialmente da qualidade tem tido espaço na mídia, com destaque na imprensa. Todos apontam as causas da baixa escolaridade, os efeitos da má qualidade e os benefícios trazidos pelo bom ensino, mas o problema perdura. Nem sequer o Brasil consegue extinguir o analfabetismo. A má qualidade e a baixa instrução do brasileiro, apesar de alcançar um bom espaço nos meios de comunicação, ainda deveria ter maior abordagem na imprensa e muito mais na televisão. Todo dia o Jornal Nacional fala dos índices das bolsas de valores, dos mercados e das economias mundiais, mas passa semanas sem falar de educação, que poderia ter definido como critério falar ao menos uma vez por semana, regra a ser seguida por todos os programas de televisão e de rádio. Tem aumentado o debate sobre o tema, e isso parece trazer uma certa acomodação às autoridades e à sociedade em tentar solucionar o problema de uma vez por todas. Mas, dentro da amplitude que é o tema educação, a leitura sofre de um descaso maior, que traz como resultado o pouco hábito de leitura ao brasileiro, em comparação aos países desenvolvidos. Pesquisa recente do Ibope mostrou a diminuição da leitura de livros em 2011, comparado com o ano de 2010, com uma piora do que já era ruim. De acordo com a pesquisa a redução da leitura foi medida até entre crianças e adolescentes, que leem por dever escolar. Em 2011, crianças com idades entre 5 e 10 anos leram 5,4 livros, ante 6,9 registrados no levantamento de 2007. O mesmo ocorreu entre os pré-adolescentes de 11 a 13 anos (6,9 ante 8,5) e entre adolescente de 14 a 17 (5,9 ante 6,6 livros). Para estimular a leitura, uma das boas iniciativas do governo federal foi aprovar a Lei 12.244 em 2010 com previsão obrigatória de uma biblioteca em toda escola. Como parte dos defeitos que fazem perdurar os problemas, a lei é frouxa ao permitir que essa obrigação seja cumprida no prazo máximo de 10 anos. Apesar de serem poucas as iniciativas oficiais de incentivo à leitura, o problema se agrava pela omissão da iniciativa privada, por não apresentar nenhuma ação incentivadora. O Banco Itaú se torna uma ilha de exceção nesse mar de omissão. Por ano, o banco vem fornecendo uma coleção de 3 a 4 livros infantis gratuitamente. Os livros são entregues no endereço fornecido pelo solicitante, já com todas as despesas de correios pagas. O objetivo desse texto é exatamente levar expandir o conhecimento dessa medida, pois falta uma divulgação mais ampla. Para fazer o pedido, gratuitamente, basta acessar o site que dá título a este texto: www.lerfazcrescer.com.br <http:// www.lerfazcrescer.com.br/> e clicar sobre o ícone “peça sua coleção”. Como diz uma frase no mesmo site, a cada livro, o Brasil inteiro vira uma página. *Pedro Cardoso da Costa – Interlagos/SP - Bacharel em direito Circulação: Abatiá ¦ Andirá ¦ Arapoti ¦ Bandeirantes ¦ Barra do Jacaré ¦Cambará ¦ Carlópolis ¦ Conselheiro Mairink ¦ Figueira¦Guapirama ¦ Ibaiti ¦ Itambaracá ¦ Jaboti ¦ Jacarezinho Jaguariaíva ¦ Japira ¦ Joaquim Távora ¦ Jundiaí do Sul ¦ Pinhalão ¦ Quatiguá ¦ Ribeirão Claro ¦ Ribeirão do Pinhal ¦ Santo do Itararé ¦Santana do Itararé ¦Santo Antônio da Platina ¦ São José da Boa Vista ¦ Sengés ¦ Siqueira Campos ¦Tomazina ¦ Wenceslau Bráz

Filiado a Associação dos Jornais Diário do Interior do Paraná

* Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo de exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.


Política A-3

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

A entrega deste veículo e do equipamento de informática mostram o compromisso do governador Beto Richa com o Paraná e o Norte Pioneiro do Estado” Luiz Claudio Romanelli

P anorama Regional Da série prefeito sofre Dirigentes da Confederação Nacional de Municípios (CNM) se mostraram surpresos com proposta de autoria do governo federal que prevê, dentre outros assuntos, a suspensão das transferências constitucionais no caso em que as prefeituras deixem de enviar as informações para o Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos

em Saúde (SIOPS). A miinuta de Decreto Presidencial que propõe a regra de suspensão foi apresentada semana passada, durante reunião realizada na Secretaria de Orçamento Federal (SOF), e visa cumprir o que determina o artigo 26 da Lei Complementar (LC) 141/2012, que por sua vez regulamentou a Emenda Constitucional 29 de 2000.

Não pode Os prefeitos lembram que a Constituição Federal só admite a restrição na entrega dos recursos constitucionais no caso de não pagamento de dívidas ou ainda quando não cumpridos os limites mínimos de gastos em saúde. Tal regra está clara no artigo 160 da Constituição, ou seja, seria inconstitucional a ampliação das penalidades via decreto. Complexidade Outro aspecto preocupante é que o SIOPS, fato reconhecido pelos próprios representantes do governo federal presentes à reunião, apresenta inconsistências que impõe dificuldades para o envio das informações de forma que o seu não recebimento nem sempre pode ser atribuído ao gestor. Além disso, a prestação de contas do SIOPS exige mais de 500 itens de receita e despesa específicos que inclusive não compõem a contabilidade cotidiana dos Entes. Prejuízo Esta série de exigências dificulta o envio no curto prazo de 30 dias após o encerramento do exercício, conforme estabelece o artigo 52, da LC 101/2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal). O bloqueio de todas as transferências constitucionais poderá ocasionar o fechamento imediato de escolas e unidades de saúde mantidas pelos municípios, que em sua maioria têm mais de 80% de suas receitas provenientes do Governo Federal. Cooperativismo A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural realizará nesta terça-feira (17) audiência pública sobre o Ano Internacional das Cooperativas. O debate foi proposto pelos deputados Assis do Couto (PT), Abelardo Lupion (Democratas), Celso Maldaner (PMDB) e Luis Carlos Heinze (PP), uma vez que 2012 foi escolhido pela Organização das Nações Unidas para destacar o tema do cooperativismo no mundo. Vantagens A resolução 64/136 da ONU afirma “que as cooperativas, em suas diferentes formas, promovem a máxima participação possível de todas as pessoas no desenvolvimento econômico e social, incluídas as mulheres, os jovens, as pessoas de idade, as pessoas com necessidades especiais e os povos indígenas, sendo cada vez mais um fator chave do desenvolvimento econômico e social, contribuindo para a erradicação da pobreza”. Avanços O reconhecimento internacional da relevância do tema impõe a realização de um amplo debate sobre a atual realidade do sistema cooperativo no Brasil. Mostra-se necessário ponderar, em especial, a respeito do conjunto normativo vigente; das políticas públicas de incentivo à atividade; da importância no conjunto de medidas destinadas a erradicar a extrema pobreza; do papel na economia de pequenos e médios municípios. Representatividade Foram convidados os ministros da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho; do Trabalho, Paulo Roberto Pinto; do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas; o presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Márcio Lopes de Freitas; e o presidente da União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar, Luiz Ademir Possamai. Visitou O Secretário do Trabalho, Emprego e Promoção Social Luiz Cláudio Romanelli esteve em Andirá, na última sexta-feira, dia 13. Na pauta, visita à Agência do Trabalhador, canteiro de obras da Cooperativa Integrada, às margens da BR 369 e ao prefeito José Ronaldo Xavier( PTB), em seu gabinete, onde também foi recepcionado pelo vereador do PV José Odair Bonacin e secretários municipais. A visita do representante do Governo estreitou relações com o Município. Controle O secretário municipal de Finanças, e gestor da informatização da Saúde de Cambará, Waldemar Romanini, está satisfeito com o funcionamento do sistema de controle em operação desde o mês de janeiro deste ano no município de Cambará. A informatização da Saúde custou até agora ao município cerca de R$ 30 mil, e já está demonstrando que o custo benefício será grande ao Orçamento municipal. “Graças a informatização, a Prefeitura agora sabe quanto custa ao município, cada paciente em termos de medicação. Antes da rede funcionar, esta informação não estava disponível”, diz Waldemar.

Fernanda Richa entrega veículo ao Conselho Tutelar

BANDEIRANTESAcompanhada pelo secretário de Estado do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Luiz Claúdio Romanelli, Fernanda Richa também entregou equipamentos de informática ao órgão Da Assessoria

A secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa visitou Bandeirantes na sexta-feira, acompanhada do secretário de Estado do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Luiz Claudio Romanelli. A primeira-dama do Estado esteve no município atendendo convite especial do prefeito Celso Silva e de Romanelli, que é deputado estadual licenciado e representa o município no Governo do Estado. Fernanda Richa fez a entrega de um automóvel e equipamentos de informática para o Conselho Tutelar do município. Segundo ela, o trabalho conjunto entre governo estadual e prefeituras permite o melhor cumprimento das atribuições dos conselhos, que estavam com falta de estrutura física para atender a população. “O Conselho Tutelar é uma das unidades estratégicas do sistema para garantia e defesa dos direitos de pessoas com menos de 18 anos”, comenta a primeira-dama estadual. Segundo Romanelli, o

Fernanda Richa, Romanelli e autoridades fizeram a entrega do carro e dos equipamentos

veículo será utilizado para dar apoio aos trabalhos dos conselheiros tutelares, que precisam se deslocar para verificação de denúncias e acompanhamento de crianças e adolescentes. Já o equipamento de informática servirá para o Conselho Tutelar aprimorar as estruturas de trabalho e implantar o Sipia-Web (Sistema de Informação para a Infância e Adolescência), pro-

grama que permite o registro de denúncias pela internet e cria um banco de dados unificado com todo o Estado. “A entrega deste veículo e do equipamento de informática mostram o compromisso do governador Beto Richa com o Paraná e o Norte Pioneiro do Estado”, salienta o secretário Romanelli. Os recursos destinados foram liberados em 2011,

e fazem parte de um total de R$ 13 milhões do Fundo da Infância e Adolescência (FIA). A administração desse fundo, destinado a melhorar a atuação dos 413 conselhos tutelares nos 399 municípios paranaenses, está a cargo do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca) e da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social (SEDS).

DESENVOLVIMENTO

Pedro Lupion elogia iniciativa do CREA-PR Da Assessoria

Uma equipe do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Paraná (CREA-PR) esteve esta semana visitando os gabinetes dos 54 deputados estaduais na Assembleia Legislativa. Divididos em grupos, os profissionais visitaram os parlamentares para apresentar o conceito da Agenda Parlamentar e entregar os Estudos Básicos de Desenvolvimento Regional (EBDRs). Um dos grupos de associados ao CREA das regiões Norte e Norte Pioneiro do Paraná, coordenado pelo engenheiro Roberto Simões, presidente da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Jacarezinho,

reuniu-se com o deputado Pedro Lupion (Democratas) para explanar sobre o cronograma de trabalho e a importância de compartilhar os dados levantados. De acordo com os profissionais, o trabalho é resultado da parceria do CREA–PR com demais entidades de classe, e representa um diagnóstico detalhado de propostas viáveis para implementação nas áreas ligadas à engenharia, arquitetura e agronomia. O deputado elogiou a iniciativa e fez questão de destacar ao grupo a importância do estudo, que aponta as maiores carências das 21 regiões do Estado nos setores da infraestrutura, como saneamento básico, transporte, mobilidade,

logística, entre outros. Para o parlamentar a proposta do Conselho em ampliar, a cada ano, o programa de agenda parlamentar, e contribuir com a gestão municipal e o desenvolvimento do Estado, é extremamente positiva e bem vinda. “Enalteço a ação do CREA, representado na pessoa de seu novo presidente, Joel Krüger, em disponibilizar-se para o debate de ideias, fornecendo o conhecimento dos profissionais das áreas tecnológicas, promovendo discussões e colaborando significativamente para formulação de projetos de lei e iniciativas junto ao governo estadual”, pontua Lupion. O deputado agradeceu a visita e colocou-se à disposi-

ção da entidade, enfatizando que o material vai lhe permitir o embasamento na elaboração de políticas públicas regionais, norteando o referencial do trabalho parlamentar, uma vez que o conhecimento de detalhes técnicos é fundamental para bem elaborar as leis. "Sou adepto e incentivador do associativismo, do cooperativismo, e o CREA-PR é um exemplo a ser seguido", concluiu Lupion. Estiveram presentes ao gabinete de Lupion o engenheiro Nilton Batista do Prado (Jacarezinho), coordenador de Grupo, Antonio Vincenzi (Ibaiti), Nelson Luís (Santo Antonio da Platina), entre outros representantes da classe.

REGIÃO

Governador Beto Richa visitará quatro cidades do Norte Pioneiro na sexta Felipe Peres

O governador do Paraná Beto Richa (PSDB) estará no Norte Pioneiro na sexta-feira, dia 20. Nesta visita, Richa passará por quatro municípios da região -Jacarezinho, Joaquim Távora, Siqueira Campos e Wenceslau Brás-, onde participará de inaugurações e assinará convênios. De acordo com informações de fonte próxima ao governador, o primeiro compromisso do tucano acontecerá em Jacarezinho. Às 9h30, Richa irá participar da inauguração da nova sede do Corpo de Bombeiros na cidade. A estrutura da sede, que abrigará 50 bombeiros,

metade do efetivo da região, possui 100 metros quadrados de área construída e está em funcionamento desde março, mas a inauguração oficial acontecerá apenas nesta sexta com a presença do governador. Além dessa entrega, o governador assinará convênios no município. Após isso, Richa e seus assessores se dirigirão a Joaquim Távora, onde o governador assinará uma série de convênios, que não foram detalhados pela fonte. O terceiro compromisso de Richa será em Siqueira Campos. Na cidade, o governador irá visitar as instalações da fábrica de moto peças Pro Tork, referência em toda a América Latina. A visita do tucano a região

Celso Felizardo

Richa passará pela fábrica de moto peças da Pro Tork

será encerrada em Wenceslau Brás. Na cidade o governador irá visitar o trecho de 19 quilômetros da PR-092, que liga o município ao distrito de Calógeras e que passa atualmente por processo de recuperação do pavimento. O investimento no local foi de R$ 16,9 milhões e a expectativa do Departamento de Estradas de

Rodagem (DER) é que as obras no local sejam concluídas em junho. A Tribuna do Vale traz amanhã mais detalhes da agenda do governador ao Norte Pioneiro. A vinda do governador estava marcada para a semana passada, mas por conta de um problema de saúde, a visita foi adiada.


A-4 Economia

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

Aumenta inadimplência entre os consumidores DÍVIDAS Depois de três quedas consecutivas, inadimplência volta a crescer; dívidas não bancárias e cheques sem fundos foram os responsáveis

O Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor registrou crescimento de 4,9% em março de 2012, na comparação com fevereiro deste ano, representando a primeira elevação do ano. No fechamento do primeiro trimestre do ano, o índic e ap ont ou au m e nt o d e 18,2%, inferior ao de igual período de 2011 (21,4%). Na relação anual – março deste ano contra o mesmo

mês do ano passado – o indicador apresentou alta de 19,8%. Segundo os economistas da Serasa Experian, o aumento da inadimplência em março cumpriu a sazonalidade porque é um período em que o consumidor acabou de pagar o IPVA e ainda tem pressões do IPTU e dos gastos escolares sobre o seu orçamento. Os juros elevados também continuam impactando o consumidor mais endividado no cheque especial e no rotativo do

cartão de crédito. Além disso, é necessário considerar que fevereiro deste ano, com o feriado de Carnaval, teve 19 dias úteis, c ont r a 2 2 d i as úte is e m março. Esse efeito calendário também se reflete neste aumento do indicador da inadimplência em março. Na d e c o mp o s i ç ã o d o indic ador, to d as as modalidades da inadimplência apresentaram alta. A i na d i mpl ê nc i a nã o b an cária (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral

e prestadoras de serviços como telefonia e fornecimento de energia elétrica e água) e os cheques sem f undos puxaram o cresc i m e nt o d o í n d i c e c o m variação de 6,9% e 18,0% e contribuição de 2,7% e 1,7%, respectivamente. As dívidas com os bancos e os títulos protestados contribuíram com 0,1% e 0,3%, resp e c t ivamente, p ara o aumento do indicador de inadimplência do consumidor. Confira na tabela abaixo:

Cresce o valor médio das dívidas O valor médio das dívidas

apresentou alta em março de 2012. A inadimplência não bancária cresceu 27,3%, os cheques

sem fundos apresentaram elevação de 13%, assim como os títulos protestados e as dívidas com

os bancos, que aumentaram 9,7% e 0,1%, respectivamente. Veja a tabela abaixo:

Metodologia do Indicador O Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor reflete o comportamento da inadimplência em âmbito nacional. Considera as variações registradas

no número de cheques sem fundos, títulos protestados, dívidas vencidas com bancos e dívidas não bancárias (lojas em geral, cartões de crédito, financeiras, prestadoras de serviços como fornecimento

de energia elétrica, água, telefonia etc.) em todo o país. Por levar em conta o inadimplemento das pessoas físicas nas mais diversas modalidades, e não apenas dentro do sistema financeiro, o índice

da Serasa Experian consegue capturar movimentos cíclicos de inadimplência, que, muitas vezes, revelam ocorrências que vão se manifestar no sistema bancário dentro de 6 a 12 meses.

Agências Brasil

16/04/12

CÂMBIO

16/04/12

DÓLAR COMERCIAL

INDICE BOVESPA Baixa: 0,24%

61.954 pontos

Volume negociado: R$ 9,44 bilhões 62.923 61.738 61.293 63.058 62.105 61.954

Alta: 0,22% Compra Venda

EURO Var. abril: +0,99% R$ 1,842 R$ 1,844

DÓLAR PTAX (Banco Central) Alta: 0,05% Compra Venda

DÓLAR PARALELO

09/04 10/04 11/04 12/04 13/04 16/04

Ações Petrobrás PN Vale PNA ItauUnibanco PN Brasil ON ALL Amer Lat. ON MRV ON Cielo ON MMX Mineração ON

% -0,74 -1,27 -0,73 -2,41 +3,45 +3,18 -4,85 -3,00

R$ 21,51 41,24 31,45 23,91 9,30 12,99 61,85 8,73

12.921,41 5.666,28 6.625,19 9.470,64

+0,56 +0,26 +0,63 -1,74

BOLSAS NO MUNDO Dow Jones Londres Frankfurt Tóquio

%

OURO - BM&F

var. dia

16/04

+0,21%

R$ 96,70 /grama

IR BASE (R$) Até 1.637,11 De 1.637,12 até 2.453,50 De 2.453,51 até 3.271,38 De 3.271,39 até 4.087,65 Acima de 4.087,65

ABRIL Alíquota Parc. a % deduzir 7,5 122,78 15 306,80 22,5 552,15 27,5 756,53

Deduções: a) Assalariados: 1-R$ 164,56 por dependente; 2 - pensão alimentícia; 3 - contribuição à Prev. Social; 4 - R$ 1.637,11 por aposentado a partir de 65 anos; 5 - contribuições à previdência privada e aos Fapi pagas pelo contribuinte; b) Carne Leão: itens de 1 a 3 mais as despesas escrituradas no livro-caixa.

SELIC/IR IR 2012 - A primeira parcela do IR 2012 irá vencer em 30/04, ainda sem a incidência de juros Selic.

MÊS TAXA SELIC Jan/12 0,89% Fev/12 0,75%

MÊS TAXA SELIC Mar/12 0,82% *Abr/12 1,00%

*No mês corrente a Selic é sempre 1,00% Indicadores Econômicos: elaboração da agência Dossiê:Dinheiro. Fone: (41) 3205-5378

Var. abril: +0,51% R$ 1,74 R$ 1,97

DÓLAR TURISMO Alta: 0,26% Compra Venda

Baixa: 0,06% Compra Venda

Var. abril: -1,19% R$ 2,4000 R$ 2,4010

EURO TURISMO

Var. abril: +0,83% R$ 1,8367 R$ 1,8373

Alta: 0,51% Compra Venda

Var. abril: +0,78% R$ 1,765 R$ 1,945

Alta: 0,39% Compra Venda

Var. abril: -1,17% R$ 2,37 R$ 2,54

OUTRAS MOEDAS X REAL Iene Libra esterlina Peso argentino

R$ 0,0228 R$ 2,91 R$ 0,42

US$ 1 É IGUAL A: Iene Libra esterlina Euro

80,46 0,6303 0,7652

ÍNDICES DE INFLAÇÃO Índices em % INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IPCA-15 (IBGE) IPC (FIPE) IPC (IPARDES) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPA-DI (FGV) IPC-DI (FGV) INCC-DI (FGV)

out 0,32 0,43 0,42 0,39 0,23 0,53 0,40 0,48 0,26 0,23

nov 0,57 0,52 0,46 0,60 0,39 0,50 0,43 0,34 0,53 0,72

dez 0,51 0,50 0,56 0,61 0,59 -0,12 -0,16 -0,55 0,79 0,11

REAJUSTE ALUGUÉIS Índice INPC (IBGE) IPCA (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV)

fev 1,0563 1,0622 1,0453 1,0429

mar 1,0547 1,0584 1,0343 1,0338

Criação de empregos diminui 25,8% em março, mostra Caged Agência Brasil

O Brasil gerou no mês de março 111.746 empregos formais segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, divulgado hoje (16). O saldo foi resultado de 1,88 milhão de admissões e 1,76 milhão de demissões. Na comparação com o mês de fevereiro, houve uma redução no saldo de empregos de 25,8%. Na comparação com março de 2011, houve uma elevação de 20,5%. No primeiro trimestre do ano, o saldo de empregos com ajustes (empregos declarados fora do prazo) é 442.608. Na comparação com o primeiro trimestre de 2011 (583.886 postos), houve uma redução de 24,1% na criação de empregos. O setor de serviços foi o maior responsável pelo saldo positivo, com 83.182 empregos. Em seguida está a construção civil, com 35.935 postos de trabalho, e em

terceiro, o comércio, com 6.412 empregos. A queda do emprego no setor da indústria de transformação que perdeu 5.048 postos se deve, em grande parte, às demissões da indústria alimentícia (redução de pouco mais de 25 mil postos de trabalho). A agricultura também apresentou saldo negativo com a perda de 17.084 empregos. Entre as regiões, a Sudeste apresentou o maior saldo positivo, com 86.083 postos de trabalho, seguida da Região Sul, com 41.477 empregos, e a Região Centro-Oeste, com 16.764 empregos. O estado que registrou o maior número de empregos foi São Paulo, com 47.279 empregos, seguido de Minas Gerais, com 22.674 postos, e do Rio Grande do Sul, com 16.875 empregos. Das 27 unidades da federação, onze apresentaram saldos negativos – o maior foi no estado de Alagoas, com 21.032 empregos perdidos.

Mercado Agropecuário

Indicadores Econômicos BOVESPA

 ECONOMIA

abr 1,0497 1,0524 1,0323 1,0332

* Correção anual. Multiplique valor pelo fator acima

jan 0,51 0,56 0,65 0,66 0,55 0,25 0,30 0,01 0,81 0,89

fev 0,39 0,45 0,53 -0,07 0,06 -0,06 0,07 -0,03 0,24 0,30

mar 0,18 0,21 0,25 0,15 0,58 0,43 0,56 0,55 0,60 0,51

ano 1,08 1,22 1,44 0,74 1,20 0,62 0,93 0,53 1,66 1,71

12m 4,97 5,24 5,61 4,39 4,71 3,23 3,32 1,80 5,50 8,10

OUTROS INDICADORES fev mar abr BTN + TR 1,566858 1,566858 1,568531 TJLP (%) 6,00 6,00 6,00 Sal. mínimo 622,00 622,00 622,00 FGTS (%) 0,3332 0,2466 0,3536 TAXA SELIC ANUAL: 9,75%

PREVIDÊNCIA

COMPETÊNCIA MARÇO

Vencimento: empresas 20/04 e pessoas físicas 16/04. Após multas de 4% a 100% e juros (Selic)

Empresário/empregador

Facultativo

Contribui com 11% sobre o pró-labore, entre R$ 622,00 (R$ 68,42) e R$ 3.916,20 (R$ 430,78), através de GPS.

Contribui com 20% sobre qualquer valor entre R$ 622,00 (R$ 124,40) e R$ 3.916,20 (R$ 783,24), através de carnê.

Autônomo

Assalariados

1) Quem só recebe de pessoas físicas: recolhe por carnê 20% sobre os limites de R$ 622,00 (R$ 124,40) a R$ 3.916,20 (R$ 783,24). 2) Quem só recebe de pessoas jurídicas: a empresa recolhe 11% sobre o máximo de R$ 3.916,20 (R$ 430,78) e desconta do autônomo. 3) Quem recebe de jurídicas e físicas: têm desconto de 11% sobre jurídicas, até R$ 3.916,20 (R$ 430,78). Se não atingir este teto, recolhe 20%, via carnê, sobre a diferença até R$ 3.916,20. 4) Aut. especial: sobre R$ 622,00, recolhe 5% (donas de casa, Lei 12.470/2011) ou 11% (demais especiais), mas a aposentadoria é por idade.

Salários até 1.174,86 De 1.174,87 até 1.958,10 De 1.958,11 até 3.916,20

8,00% 9,00% 11,00%

Empregados domésticos Alíquota % R$ mín R$ máx Empregado 8 a 11 49,76 430,78 Empregador 12 74,64 469,94 Total 20 a 23 124,40 900,72

SALÁRIO FAMÍLIA - MARÇO/2012 Salário de até R$ 608,80 Salário de R$ 608,81 a 915,05

R$ 31,22 R$ 22,00

TR, TBF, POUPANÇA TR MÊS Fevereiro/12 Março/12 Abril/12

POUPANÇA MÊS Fevereiro/12 Março/12 Abril/12

% 0,00 0,11 0,02

ano 0,09 0,19 0,22

12 m 1,17 1,16 1,14

% 0,50 0,61 0,52

ano 1,09 1,70 2,24

12 m 7,41 7,39 7,38

TAXAS DIÁRIAS % Período 13/3 a 13/4 14/3 a 14/4 15/3 a 15/4 16/3 a 16/4 17/3 a 17/4 18/3 a 18/4 19/3 a 19/4 20/3 a 20/4 21/3 a 21/4 22/3 a 22/4 23/3 a 23/4 24/3 a 24/4 25/3 a 25/4 26/3 a 26/4 27/3 a 27/4 28/3 a 28/4 29/3 a 29/4 30/3 a 30/4 31/3 a 1/5 1/4 a 1/5 2/4 a 2/5 3/4 a 3/5 4/4 a 4/5 5/4 a 5/5 6/4 a 6/5 7/4 a 7/5 8/4 a 8/5 9/4 a 9/5 10/4 a 10/5 11/4 a 11/5 12/4 a 12/5

TR 0,0878 0,0990 0,0519 0,0328 0,0492 0,0746 0,0884 0,0881 0,0909 0,0566 0,0283 0,0335 0,0581 0,0885 0,0806 0,1106 0,0636 0,0171 0,0227 0,0227 0,0283 0,0158 0,0096 0,0105 0,0000 0,0000 0,0159 0,0558 0,0263 0,0457 0,0227

TBF 0,7684 0,7797 0,7222 0,6930 0,7095 0,7451 0,7990 0,7687 0,7715 0,7270 0,6885 0,6937 0,7285 0,7691 0,7511 0,7914 0,7340 0,6772 0,6828 0,6828 0,6885 0,6759 0,6597 0,6606 0,6421 0,6421 0,6760 0,7262 0,6865 0,7060 0,6829

POUP 0,5882 0,5995 0,5522 0,5330 0,5494 0,5750 0,5888 0,5885 0,5914 0,5569 0,5284 0,5337 0,5584 0,5889 0,5810 0,6112 0,5228 0,5284 0,5159 0,5096 0,5106 0,5000 0,5000 0,5160 0,5561 0,5264 0,5459 0,5228

LOTES - ATACADO

16/04/12

SOJA - saca 60kg PRAÇA Paranaguá Ponta Grossa Maringá Cascavel Sudoeste Guarapuava

TRIGO - saca 60kg

R$ 59,00 57,00 55,50 55,50 55,50 55,50

SEM 0,5% 0,0% 0,9% 0,9% 0,9% 0,9%

30 d. 5,4% 5,6% 6,7% 6,7% 5,7% 5,7%

-7,3% -5,9% -2,1% -7,8% -6,1% -4,2%

-5,6% -7,7% -4,1% -6,0% -6,1% -6,1%

MILHO - saca 60kg Paranaguá Sudoeste Cascavel Maringá Ponta Grossa Guarapuava

25,50 24,00 23,50 23,50 23,00 23,00

PRAÇA Curitiba Ponta Grossa Maringá Cascavel PRODUTO Bezerro (1) Boi gordo (2) Café (3) Algodão (4)

PREÇO AO PRODUTOR Produto

16/04/12

unidade

média var. var. var. C.Proc. Jacar. PR - R$ diária 7 dias 30 dias R$ R$ SOJA saca 60 kg 52,55 0,5% 2,0% 6,5% 51,50 53,93 MILHO saca 60 kg 21,76 0,1% -1,5% -5,1% 20,80 23,50 TRIGO saca 60 kg 25,34 0,0% 1,4% 3,0% 25,20 FEIJÃO CAR. saca 60 kg 176,06 0,1% 6,0% 24,8% BOI GORDO arroba, em pé 93,66 0,2% 0,3% 1,3% 93,00 94,00 SUÍNO kg, vivo 2,04 0,0% 0,5% -7,3% 2,00 1,85 FRANGO kg, vivo 1,72 0,0% 0,6% 1,2% 2,05 CAFÉ BEN. beb. dura, 60kg 351,71 0,0% -0,4% -1,6% 350,00 350,00 CAFÉ kg, em coco 5,66 0,0% 0,2% -1,6% 5,85 5,50 Fonte: Sima/Deral/Seab. Os preços nas praças referem-se aos valores “mais comuns” apurados

MERCADO FUTURO BOLSA DE CHICAGO (CBOT) SOJA - US$cents por bushel (27,216 kg)

MILHO

Cont. FECH. *DIF. 1 SEM. 1 MÊS mai/12 1.420,00 -16,75 -0,8% 3,3% jul/12 1.424,25 -16,50 -0,7% 3,2%

Cont. mai/12 jul/12

FARELO - US$ por tonelada curta (907,2kg)

TRIGO - US$cents por bushel (25,4 kg)

mai/12 jul/12

mai/12 jul/12

391,40 393,90

-4,40 -3,90

0,7% 0,7%

4,5% 4,8%

16/04/12 - US$cents por bushel (25,4 kg)

FECH. 623,25 613,25 616,25 621,25

Cont. mai/12 jul/12

SAL. MÍNIMO - PARANÁ

Cont. mai/12 mai/13

Grupo 4 R$ 817,78 Técnicos nível médio. * Valores válidos de maio/2011 a abril/2012

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS -6,00 -4,0% -7,4% -7,50 -4,4% -8,5% -7,25 -4,2% -9,00 -4,3%

-8,3% -8,3%

*Diferença sobre dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 na soja, milho e trigo e US$ 1,00 no farelo

Cont. mai/12 jul/12

Grupo 2 R$ 736,00 Serviços administrativos, domésticos e gerais, vendedores e trab. de reparação.

R$ DIA MÊS 726,00 0,85% 1,49% 96,22 -0,13% 1,37% 373,24 -1,76% -2,25% 158,94 -0,10% -2,11%

Soja, milho e trigo: fonte Dossiê:Dinheiro; Cepea/Esalq: mais informações em www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Sinduscon/PR e Sinduscons regionais R$/m2 FEV MAR %m%ano %12m Paraná 998,56 999,84 0,13 0,43 8,68 Norte 974,58 975,75 0,12 0,42 7,56 Noroeste 978,51 984,29 0,59 1,09 8,33 Oeste 999,55 1.000,72 0,12 0,32 7,29

Grupo 3 R$ 763,26 Trab. produção de bens e serviços industriais

30 d. 1,8% 2,1% 2,1% 2,1%

1- sc 50Kg, com impostos, posto usina SP; 2 -média à vista da arroba no Estado de SP; 3 - valor à vista saca 60kg posto SP Capital, arábica, bica corrida, tipo 6; 4 - em pluma, cent/R$ por libra-peso (453 gr), posto SP Capital.

ALGODÃO

Grupo 1 R$ 708,74 Trab.s na agricultura.

SEM 1,8% 2,1% 2,1% 2,1%

INDICADORES CEPEA/ESALQ

BOLSA DE NOVA YORK (NYBOT) CAFÉ - US$cents/libra peso (0,453 kg)

CUB PARANÁ

R$ 29,00 28,80 28,80 28,80

FECH. 174,70 175,85

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS -4,50 -1,9% -4,2% -4,35 -2,6% -5,0%

16/04/12 - US$cents/libra peso (0,453 kg)

FECH. 88,08 87,25

*DIF. 1 SEM. 1 MÊS -4,00 -1,6% 0,7% -2,48 -2,3% -0,9%

*Diferença s/ dia anterior. 1,00 ponto = US$ 0,01 no café e algodão.

BOLSA DE MERCADORIAS DE SÃO PAULO (BM&F) MILHO - R$/saca 60 kg SOJA FINANCEIRO - US$ saca 60 kg C 32,11 28,50

VP -0,34 -0,27

CN CA 176 2.839 1 59

BOI GORDO - R$/arroba abr/12 out/12

95,54 102,45

-0,03 0,45

Cont. mai/12 set/12

C 25,17 24,62

VP -0,34 -0,15

16/04/12 CN CA 1.018 7.210 916 9.145

CAFÉ - US$/saca 60 kg (arábica) 233 1.379 322 8.203

set/12 dez/12

225,15 228,25

-5,40 -5,30

1.575 101

6.531 3.166

C-cotação de fechamento (ajuste diário); VP-variação diária (1 ponto = US$ 1,00 ou R$ 1,00); CN - contratos negociados no dia; CA-contratos em aberto.


Cidades A-5

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

Tina Toneti assume G5 e promete ampliar trabalho do antecessor REGIÃO Presidente afirma que consórcio facilita a obtenção de verbas federais e estaduais Maurício Reale

A prefeita de Jacarezinho, Tina Toneti (PT) assumiu ontem, às 15 horas, no Instituto Federal do Paraná, em Jacarezinho, a presidência do Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Bacia do Rio Paranapanema (G5), composto pelos municípios de Ribeirão Claro, Jacarezinho, Carlópolis, Guapirama e Joaquim Távora. Tina assume no lugar do prefeito de Ribeirão Claro, Geraldo Mauricio Araújo (PV), que se afastou do cargo devido ao período eleitoral. Ela elogiou o trabalho do antecessor e disse que vai ampliar os projetos desenvolvidos por meio do consórcio. “Os projetos desenvolvidos pelo G5 atingem diversos setores da sociedade e beneficiam a população dos municípios que compõem o consórcio.

Vou trabalhar para manter e ampliar os projetos iniciados na gestão do presidente Maurício Araújo”, afirmou a recém empossada presidente. O G5 foi criado em 20 de outubro de 2010 com o objetivo de promover uma gestão compartilhada entre prefeituras e governos estadual e federal para facilitar a obtenção e administração de recursos em municípios vizinhos que enfrentam problemas similares. O ex-presidente, Maurício Araújo, destacou a importância do G5, não só para os municípios que integram o consórcio, mas para todo o Norte Pioneiro e destacou os projetos Linha da Saúde, que transporta pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) para Curitiba, e a restauração da malha asfáltica do perímetro urbano das cinco cidades que compõem o G5. Segundo ele, estes projetos já foram apresentados ao governador Beto Richa (PSDB) e encaminhados ao secretariado. Projetos Na gestão do presidente Geraldo Maurício Araújo, foram elaborados projetos para as áreas de Agricultura, Saúde e Assistência Social, Educação, Cultura, Esportes, Lazer, Turismo e Meio Ambiente. O projeto Linha de Saúde, tem por objetivo transportar pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) que necessitam de tratamento em Curitiba. A ideia

é adquirir um ônibus , uma van e um carro para realizar este trabalho. Os pacientes cadastrados dos cinco municípios seriam transportados pelos veículos que obedeceriam a um cronograma. Os pacientes embarcariam no veículo que passaria em cada uma das cidades e os levaria para a capital do Estado onde também poderiam ficar, se necessário, numa Casa de Apoio. Nos dois primeiros anos, os veículos e a despesa das viagens seriam custeados pelo governo estadual e, depois desse período, repassado aos municípios. O valor do projeto é de R$ 1,5 milhão. O projeto Patrulha Asfáltica foi desenvolvido para resolver os problemas de manutenção do asfalto urbano e também para pavimentar as ruas da cidade onde não há asfalto. No projeto está incluída a construção de uma usina asfáltica para atender os cinco municípios. Os equipamentos necessários são, uma niveladora vibro acabadora, espargidor, rolo compressor, três caminhões truck basculantes, um cavalo mecânico, uma prancha semireboque e uma carreta basculante. O investimento está orçado em R$ 4 milhões. Para a zona rural, o G5 apresenta o projeto Patrulha Rural, que visa recuperar as estradas vicinais das zonas rurais destes municípios. Segundo a presidente Tina Toneti, uma

Antônio de Picolli

Rômulo Santana, Tina Toneti, Maurício Araújo e Carlinhos Polícia: desenvolvimento econômico para a região

máquina ficará durante 30 dias em cada um dos municípios. Neste período, será recuperada a quantidade máxima possível de estradas. Um sorteio definiu que o projeto começará por Carlópolis, que tem 520 quilômetros de estradas para serem recuperados. De acordo com o prefeito, Carlos Alberto Saubier de Andrade, o Carlinhos (PTB), o plano vem em boa hora, já que, com recursos próprios, a prefeitura já recuperou 150 quilômetros neste ano. Também em Carlópolis, através do consórcio, há o projeto Barracão de Processamento e Classificação de Frutas e Olericolas, que é

realizado em parceria com a Associação dos Produtores de Carlópolis (APC). Trata-se da construção de um barracão com aproximadamente 800 metros quadrados ao custo de R$ 585 mil que já foram aprovados pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário. Para os piscicultores, foi desenvolvido o projeto Tanque Escavado que contempla a aquisição de uma retro escavadeira, escavadeira hidráulica e uma maquina esteira. O projeto tem por objetivo fomentar a cadeia produtiva. Também estão previstos a construção de um frigorífico para filetagem de peixe e uma fábrica de ração e de gelo.

Descentralização de recursos Segundo o diretor executivo do G5, Rômulo Ribeiro Santana, por meio do consorciamento é mais fácil conseguir recursos dos governos federal e estadual, já que muitos problemas não se limitam a apenas um município e têm prioridade quando requeridos por meio de consórcios intermunicipais. Ele também afirma que, com planejamento, é mais fácil resolver em conjunto problemas comuns aos municípios consorciados, já que a verba para a resolução destes problemas se destinará a uma região e não a um município específico.

TRANSPORTE

INCLUSÃO

Trecho da rodovia PR 092 passa por manutenção

Hermas Júnior consegue computadores para Apae de Ribeirão do Pinhal e Andirá

AEN

Da Assessoria

A Secretaria Estadual de Educação (Seed) sinalizou esta semana que vai atender ao pedido do deputado Hermas Júnior (PSB) e fazer a doação de computadores para as escolas mantidas pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) em Andirá e Ribeirão do Pinhal. As máquinas serão usadas para auxiliar os alunos no processo de aprendizagem. De acordo com o pedido do deputado, a Apae de Andirá vai receber oito computadores

que foram doados pela Caixa Econômica Federal e que vão compor o laboratório de informática da Escola Raio de Luz, mantida pela Apae. Em Ribeirão do Pinhal, os computadores solicitados por Hermas Júnior vão compor o projeto denominado “Estação Digital”. São seis computadores que serão usados por 150 crianças e adolescentes atendidos pela entidade, assim como membros da comunidade. Hoje a entidade conta com 10 computadores, mas seis deles estão em manutenção. . “Nosso foco é atender os alunos da APAE e

toda comunidade interessada em cursos de informática, são pessoas interessadas em aprender mais e que tem dificuldades em acessar o computador”, diz o diretor auxiliar da entidade e coordenador do projeto, Juliano Viceli. Para Hermas Júnior, a entrega desses computadores garantem a inclusão de crianças e adolescentes no ‘mundo digital’. “Estamos proporcionando a esses alunos uma motivação a mais e colaborando no aperfeiçoamento da aprendizagem e na capacitação profissional daqueles que têm mais dificuldades”.

 OBTUÁRIO O homem das piadas Aline Damásio

PR 092 faz a ligação com as BRs 369 e 153 e se tornou um corredor para o escoamento de cargas Da Agência Estadual

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) iniciou as obras de manutenção de um importante trecho da rodovia estadual PR-092, entre Santo Antônio da Platina e Andirá. O trecho faz a ligação entre as BRs 369 e 153 e se tornou um corredor para o escoamento de cargas para o Porto de Paranaguá. O tráfego pesado de caminhões que chegam do interior paulista, via Palmital e Porto Leopoldino, passando por Andirá, Barra do Jacaré e Santo Antônio da Platina, é motivo constante de atenção dos técnicos do DER. A PR-092 foi planejada para tráfego regional e, atu-

almente, 90% do movimento naquele trecho é de caminhões que escoam a produção agrícola de dois Estados. Do Norte Pioneiro, é escoada a safra de cana-de-açúcar e de São Paulo vêm principalmente soja e milho. Para realizar as obras de manutenção na pista de rolamento, o DER está investindo R$ 200 mil. A finalidade é melhorar as condições do asfalto para dar boa qualidade de tráfego no trecho de 38 quilômetros, aumentando a segurança dos motoristas e das comunidades no entorno da obra. A previsão é de que até o final do mês os trabalhos de manutenção estejam finalizados. Toda a PR-092, que se

estende desde São Paulo até a Região Metropolitana de Curitiba, vem recebendo obras de recuperação e melhorias no seu pavimento. O DER também realiza, a restauração de pavimento asfáltico no trecho de 19,4 quilômetros da mesma PR-092, entre a localidade de Calógeras e o contorno rodoviário de Wenceslau Braz. A estimativa é de em julho a obra também esteja concluída. O DER informa ainda que o trecho da PR-092 entre Arapoti e Calógeras foi concluído. Quando o segmento Calógeras-contorno de Wenceslau Braz estiver pronto, um total de 38 quilômetros de asfalto terá sido recuperado nessa parte da rodovia.

Vendedor e viajante, Itamar Ferrari conhecia toda a região e por onde percorria fazia amigos. Animado e entusiasmado na conversa, Ferrari era conhecido pelas histórias que contava, pelo bom humor e principalmente pelas piadas que narrava com otimismo e atenção às pequenas plateias que se formavam à sua volta, compostas, às vezes por desconhecidos e até mesmo por clientes que conquistava pelo bom humor

Arquivo da família

e pelo tino de comerciante. Ao aposentar-se continuou com sua alegria e criou a rotina de todos os dias ir até o ponto de táxi próximo ao Colégio Rui Barbosa em Jacarezinho para conhecer pessoas e principalmente contar suas piadas. “Ele era muito conhecido de todos na cidade, mexiam com ele até na fila do banco para ele contar suas piadas. Suas brincadeiras eram saudáveis e jamais magoou alguém, costumo dizer que ele tinha luz própria e indagava sempre: ‘Itamar Ferrari, o

Claudemir do Nascimento, 51 anos, de causas naturais, em Barra do Jacaré. Geraldo Juliano Benedetti, 81 anos, de causas naturais, em Santo Antonio da Platina. Cecília Moreira Ribeiro, 67 anos, de causas naturais, em Santo Antonio da Platina. José Aparecido Leite, 89 anos, de causas naturais, em Carlópolis. Pedro Fidélis Leite, 60 anos, de causas naturais, em Carlópolis.

homem das piadas que a todos faz rir e que alegra todos onde estava’, devido ao coração tão bom e generoso que tinha e de um caráter irrefutável”, relata o irmão Rivaldo Ferrari.

Zenaide Alves da Silva, 65 anos, de causas naturais, em Carlópolis. Raimundo Francisco de Abreu, 75 anos, de causas naturais, em Abatiá. Julio Silvério dos Santos, 90 anos, de causas naturais, em Abatiá. Teresinha dos Santos Soares, 69 anos, de causas naturais, em Quatiguá. Benedito de Jesus Quintino Oliveira, 73 anos, de causas naturais, em Santo Antonio da Platina.


A-6 Cotidiano

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

Motorista atropela três e foge; dois morreram

ARAPOTI Rapazes saiam de um baile à beira da rodovia PR-092; condutor já foi identificado e deve se apresentar na manhã de hoje Celso Felizardo

A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a morte de dois rapazes que, na madrugada de domingo, foram atropelados por um GM Vectra com placas de Arapoti, enquanto saiam de um baile em uma casa noturna à beira da rodovia PR-092, entre Arapoti e Jaguariaíva. Miguel de Jesus Antunes dos Santos, 20 anos, e Reginaldo de Moura Ponciano, 19, não resistiram aos ferimentos e morreram. Já um colega, que também foi atropelado, sofreu apenas escoriações. O motorista que fugiu sem prestar socorro já foi identificado, porém o delegado de Arapoti, Wellington Yuji Daikubara, preferiu não divulgar seu nome até que ele se apresente. O advogado se comprometeu em apresentar

o cliente na manhã de hoje. A versão do motorista é de que, os três estariam, possivelmente, brigando no meio da pista e que ele não teve tempo de desviar.

Pelo horário do acidente e pelo fato de eles estarem saindo do bailão, a possibilidade de eles estarem embriagados é alta”

O acidente aconteceu por volta das 5h30. A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e socorristas de Arapoti atenderam o caso. Santos morreu a

caminho do Hospital de Arapoti, enquanto Ponciano foi transferido para um hospital de Ponta Grossa, mas morreu por volta das 11 horas. Os corpos encaminhados para o Instituto Médico-Legal em Ponta Grossa e foram enterrados sob forte comoção de parentes e amigos no final da tarde de domingo no Cemitério Municipal de Arapoti. O delegado disse também que aguarda o croqui do acidente que será entregue pela PRE. Ele explicou que ainda vai ouvir o terceiro atropelado para confirmar se estavam embriagados e se procede a versão do motorista de que eles estariam no meio da pista quando foram atingidos pelo carro. “Pelo horário do acidente e pelo fato de eles estarem saindo do bailão, a possibilidade de eles estarem embriagados é

alta”, revela. “O motorista do carro disse que estava indo prestar socorro a um parente em Jaguariaíva. Se for confirmado que ele não teve culpa no acidente, ele pode ainda responder por omissão por não ter parado para socorrer os três”, completa. Siqueira Campos A Polícia Civil investiga um caso parecido que ocorreu na madrugada de sextafeira (13), na PR-424, entre Siqueira Campos e Salto do Itararé. Diego Lopes Vieira, 31 anos, saiu de uma casa noturna e caminhava pela rodovia quando foi atingido por um veículo não identificado. Ele morreu na hora. O delegado Juliano Fonseca, da Delegacia de Siqueira Campos, instaurou inquérito para investigar o caso. Por enquanto não há pistas do paradeiro do motorista.

NOROESTE

Adolescente de Santo Antônio é preso com 221 quilos de maconha Da Redação

Um adolescente de 15 anos, morador de Santo Antônio da Platina, foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite de sexta-feira (13), com 221 quilos de maconha em um Fiat Pálio durante uma fiscalização na BR-487, em Alto Paraíso, noroeste do Paraná, próximo a divisa com Naviraí (MS). O rapaz dirigia o veículo e confessou que levaria a droga para Santo Antônio da Platina. Ele disse ainda que pegou o carro já carregado, em uma cidade do Mato Grosso do Sul próxima à fronteira com o Paraguai, cujo nome ele não se recordava e que receberia cinco mil reais pelo serviço. Meses atrás, o adolescente chegou a ser detido três vezes no mesmo dia pela Polícia Militar em Santo Antônio da Platina, por envolvimento com o

tráfico de drogas. Ainda em Alto Paraíso, a PRF apreendeu 17 quilos de maconha na madrugada de domingo com um passageiro de ônibus, na BR-487. O coletivo fazia a linha Dourados (MS) – Londrina. A droga estava no compartimento das bagagens, dentro de um saco de náilon com roupas. Os policiais localizaram o dono do saco através do ticket de bagagem e o prenderam. Ele disse aos policiais que adquiriu a droga em Carapó, no Mato Grosso e que levaria para Marília, em São Paulo, onde revenderia. Além destas operações, a PRF fez mais cinco apreensões no Estado durante o fim de semana. Ao todo, foram apreendidos mais de 430 quilos de maconha, um quilo de cocaína e 1,5 quilo de crack. Nove pessoas foram presas, além do adolescente que foi detido pelo transporte da droga.

S.A.PLATINA

COLISÃO

PM prende suspeito com espingarda sem registro

Colisão com Fiat Strada deixa motociclista ferido na Vila Claro

Tanosite.com

Tanosite.com

Alexandre Macedo, 22, foi encaminhado com fratura nas duas pernas ao Pronto Socorro Da Redação

Segundo moradores, Antônio Xavier, 42, fazia disparos para o alto com a espingarda Da Redação

Um homem foi preso na manhã de sábado por posse ilegal de arma de fogo no distrito de Conselheiro Zacarias, em Santo Antônio da Platina. A Polícia Militar foi acionada para deter um homem que esta-

ria disparando para o alto. Ao chegar ao b air ro, os policiais avistaram Antônio Xavier, 42 anos, que ao ver a viatura, jogou a espingarda que estava e fugiu por meio de um pasto, nos fundos da casa onde mora. Após perseguição, ele foi detido e levado para a 38ª Delegacia

Regional de Polícia (DRP). Lá, Xavier disse que apenas estava mostrando a arma que era do pai, já falecido, para uns colegas. “Eu não estava atirando, isso é tudo mentira”, defende-se. De acordo com os policiais, ele apresentava sinais de embriaguez.

Um acidente que aconteceu na tarde de sábado, na Vila Claro, em Santo Antônio da Platina, deixou um motociclista em estado grave. Alexandre Macedo, 22 anos, conduzia sua moto, uma Honda CG 150, pela r u a Ti r a d e nt e s , s e nt i d o centro/bairro, quando no cruzamento com a rua Acácia, um Fiat Strada, com

placas de Ourinhos (SP), conduzido por Élson Luís Oliveira Gomes, cruzou a preferencial e provocou o acidente. O m ot o c i c l i s t a b at e u na lateral do veículo e foi arremessado contra uma árvore. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Macedo sofreu fratura exposta n a s du a s p e r n a s , v ár i a s escoriações e apresentava hemorragia interna abdo-

minal. Ele foi internado no Hospital Nossa Senhora da Saúde, onde passou por cirurgias. O condutor da Strada relatou que parou na esquina, olhou para os dois l a d o s , nã o v iu n i ng u é m se aproximar e avançou. Segundo ele, a motocicleta surgiu em alta velocidade, e a batida foi inevitável. (Com informações Luiz G. Brandani).

INSEGURANÇA

Homem assalta loja e é preso pela Polícia Militar Tanosite.com

Alexandre Antônio da Rosa, 23 anos, foi preso pela Polícia Militar na manhã deste sábado (14), logo após assaltar uma loja no Platina Shopping, no centro de Santo Antônio da Platina. De acordo com funcionários da Bibi Baby, o bandido entrou na loja por volta das 10 horas e anunciou o assalto. Ao afirmar que estaria ar mado, p e diu to do o

dinheiro do caixa s ob ameaça de morte. Depois de receber cerca de R$ 70,00, o assaltante ainda pegou dois celulares e deixou o estabelecimento tranquilamente. Porém, toda a ação foi registrada pelo sistema d e m on it or am e nt o d a empresa Protege Alarme s , re sp ons ável p el a segurança da loja. Ao deixar o shopping, dois funcionários acompanharam o percurso do

assaltante e repassaram as informações para os policiais, que rapidamente foram para o local. O bandido foi cercado em um matagal nas proximidades do bairro Álvaro de Abreu, e foi pres o. Com ele, os policiais encontraram apenas parte do dinheiro roubado – R$45,00. Os celulares e a suposta arma não foram localizados. Na delegacia, a vítima reconheceu o acusado.

Alexandre Antônio da Rosa, 23, foi levado para a 38ª Delegacia Regional de Polícia

Tanosite.com


Esporte A-7

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

A quinta-feira pode ser o dia "D" para Valdivia no Palmeiras. Segundo Luiz Felipe Scolari, o seu clube receberá o resultado de uma bateria de exames que o chileno passou nos últimos dias e que tudo poderá mudar de acordo com o parecer dos médicos. O dossiê vai desvendar os mistérios sobre lesões do jogador.

Jobson voltou a treinar pelo Botafogo ontem, após ficar suspenso por três dias por discutir com o fisiologista Altamiro Bottino. Mesmo perdoado de forma definitiva, o jogador não deverá ficar no banco de reservas contra o Guarani, pela Copa do Brasil.

Felipão admite sondagens para dirigir seleções na Copa Arquivo

BASTIDORES Técnico falou sobre propostas em entrevista à ESPN mas não revelou interessados

Uol

O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, admitiu que recebeu duas sondagens para dirigir seleções asiáticas na Copa do Mundo de 2014, que vai acontecer no Brasil. Sem revelar quem foram os autores dos telefonemas, o treinador não descartou nem admitiu que tem a intenção de comandar uma seleção após o término do seu atual contrato, que vai até dezembro de 2012. "Já fui, sim, sondado por duas seleções asiáticas. Eles me disseram que iam esperar a classificação para a Copa nestas eliminatórias e eles me disseram que iam pensar na renovação com o atual técnico ou não e depois entraria em contato comigo. O que mais penso neste momento é em fazer um bom trabalho no Palmeiras", disse o comandante

Técnico admitiu que recebeu propostas de duas seleções asiáticas, mas não divulgou nomes

em entrevista à ESPN Brasil. Como o UOL Esporte já revelou, o atual presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), José Maria Marin, vê em Felipão o melhor nome para substituir Mano Menezes em caso de fracasso na Olimpíada de Londres. Sobre o assunto, o treinador limitou-se a dizer que em nenhum momento disse não à seleção brasileira e afirmou que Mano Menezes faz um bom trabalho atualmente. "Eu não tinha nenhum problema com o Ricardo Teixeira (ex-presidente da CBF) e em nenhum momento eu disse não para a seleção quando estava no Uzbequistão. Muito pelo contrário. Eu disse que

se recebesse convite eu falaria primeiro com o Palmeiras, time que eu já tinha acordo verbal", disse Felipão. "Quanto ao Marin, eu acho que ele está perfeito. Tem de respeitar o planejamento, o diretor de seleções (Andrés Sanchez) e tudo mais. E eu acho que Mano Menezes está, sim, fazendo um trabalho bom. Tem muita gente que não entende que ele não tem todas as condições para convocar", resumiu. Sem crise Mesmo classificado às quartas de final do Campeonato Paulista, o Palmeiras vive um jejum de três jogos sem vitória no Estadual. Longe do futebol mostrado no início da temporada, uma possível

RIBEIRÃO CLARO

crise começa a ser cogitada na equipe alviverde. Para o técnico Luiz Felipe Scolari e o meio-campista Marcos Assunção, porém, este não é o problema no Verdão. “Não estamos em crise, isso eu garanto. Temos a nossa cobrança. O ambiente não tem problema algum”, avisou Scolari, ciente de que é preciso haver uma melhora na equipe. “Temos time para ficar entres os três melhores. A torcida está reclamando com razão, não é para ser quinto colocado”, confessou. Com os 36 pontos somados nesta primeira fase, o Verdão encerrou esta parte da campanha na quinta colocação, atrás de Corinthians, São

ESPORTE

Campeonato Amador de Futebol homenageia Adevil

Diógenes Gonçalves

Curiúva promove Campeonato Regional de Futsal Da Assessoria

Atual campeão, Três Corações (e) faz sua estreia contra Abreus Da Assessoria

A próxima edição do Campeonato Amador de Futebol de Ribeirão Claro prestará homenagem a Adevil Jose Stort, considerado um dos maiores craques de futebol do município. Adevil fez história defendendo a equipe Ribeirão Claro FC em campeonatos profissionais e com passagens por clubes do interior. O campeonato terá a participação de oito equipes que jogarão entre si em turno único. As quatro melhores classificadas disputam o quadrangular final nas categorias titular e aspirante. Apenas equipes que concluíram a última edição do campeonato, em 2011, pode-

rão participar esse ano. A primeira rodada acontece nos dias 28 e 29 de abril, com partidas disputadas no sábado à noite e domingo à tarde. No sábado à noite, dia 28, a equipe Três Corações, atual campeã, enfrenta o time Abreus FC. No domingo, 29, Ruvina faz sua estreia contra o Morro Vermelho. O torneio também terá a participação das equipes Colorado, Luz do Caminho, Santa Mariana e Sete Voltas. As equipes poderão contar com até cinco atletas que não sejam do município, apenas na categoria titular. Na categoria aspirante, todos os atletas precisam ser moradores de Ribeirão Claro. Os coordenadores espe-

Paulo, Santos e Guarani – rival nas quartas de final e que recentemente bateu o Palmeiras, por 3 a 1, em Campinas (SP), palco deste próximo encontro. Mesmo atrás do Bugre, equipe com menor investimento que o time paulista, na classificação, o volante Marcos Assunção considera que o problema seria se a equipe não se classificasse à fase seguinte do Paulistão, torneio que o Palmeiras não conquista desde 2008. Com uma semana cheia para trabalhar, o camisa 20 agora quer ver uma reação rápida em sua equipe. “Não é crise, porque estamos classificados. Problema seria ficar fora dos oito classificados. Temos que trabalhar bem nesta semana no aspecto técnico, tático, psicológico, tudo para nos ajudar. Agora é trabalhar. Temos que fazer a mudança já, porque não tem mais tempo”, completou. Para enfrentar o Bugre, o Palmeiras deverá contar com as voltas de Márcio Araújo, Cicinho e Patrik, que estavam suspensos. João Vitor, poupado no empate com o Comercial, também pode retomar sua vaga entre os titulares. Fernandão, que entrou bem no duelo do último domingo, é uma opção para o ataque - Luan e Valdivia, ambos em fase final da recuperação de suas lesões, têm chances remotas de atuar.

ram que esta edição seja a melhor dos últimos anos e já se reuniram com os dirigentes dos times participantes para definir as regras e fórmula de disputa. Segundo o diretor do Departamento de Esportes, Carlos Luiz Pinheiro da Silva, a expectativa entre atletas e dirigentes está alta em 2012. “A previsão é que este campeonato tenha um nível técnico altíssimo, o que favoreceria o crescimento e amadurecimento do futebol amador ribeirãoclarense”, explicou. “Novamente contamos com o apoio irrestrito do prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV) e da secretária de Educação, Cultura, Espore e Lazer, Cleuza Molini Ormeneze”, concluiu.

A prefeitura de Curiúva, em conjunto com o Departamento Municipal de Educação, Cultura e Esportes, promoverá no próximo mês, a décima edição do tradicional Campeonato Regional de Futsal de Curiúva. A abertura oficial será dia 12 de maio, às 18 horas, no Ginásio de Esportes Caetê. O campeonato será subdividido em duas categorias, 1ª e 2ª Divisão, sendo a segunda, exclusiva para times locais. A taxa de inscrição será de R$ 150 (1ª Divisão) e R$ 100 (2ª Divisão). A premiação é a maior já oferecida e inclui além de troféus, motocicleta zero quilômetro, TV’s de LCD e aparelhos tecnológicos. O artilheiro, melhor goleiro e equipes mais disciplinadas também serão premiados. Para validar as inscrições, os times interessados deverão efetuar o pagamento da taxa através de depósito bancário. Os comprovantes de depósito e sa fichas preenchidas deverão ser entregues durante reunião que acontecerá no dia 4 de maio, às 18h 30, na Câmara Municipal de Vereadores. As inscrições poderão ser feitas até o dia 27 de abril. Segundo a secretária de Educação, Cultura e Esportes, Nilcéa Edite Ajuz Weigert, a expectativa é que a procura aumente. “A média de times inscritos é 15 a 20 por categoria, no entanto, devido à premiação deste ano,

esperamos que aumente significativamente”, mensura. O professor de Educação Física, Marcos Augusto Costa Lemes, é o responsável pela seleção e treinamento dos dois times que representarão o município na disputa e futuramente em campeonatos de outras cidades. O time formado por adolescentes da Associação Mirim de Curiúva disputará o municipal, enquanto os mais experientes disputarão na 1ª Divisão, ambos apoiados pela prefeitura e pela Câmara Municipal de Vereadores.

N OTAS Olho na Copa O técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, tem a intenção de assumir uma seleção depois que terminar seu contrato com o clube do Parque Antarctica, o que acontece no fim do ano. O treinador mira equipes europeias ou asiáticas. Apesar da recente especulação em torno de seu nome para eventualmente assumir o lugar de Mano Menezes à frente da seleção brasileira, Scolari diz que não foi nem sequer sondado por alguém da CBF. Bem-visto Um cartola que esteve com José Maria Marin afirma ter ouvido do presidente da CBF que Scolari poderá ser o sucessor de Mano. Amigos de Marin confirmam que ele vê o técnico palmeirense com bons olhos. Cada um na sua Porém esses mesmos aliados de Marin dizem que ele não pensa em passar por cima da autoridade de Andres Sanchez, o diretor de seleções da CBF. Sonho de consumo Amigos do técnico palmeirense afirmam que uma boa opção para Scolari seria a seleção inglesa. Dizem que sua passagem anterior pela Inglaterra não pode ser usada como termo de comparação. Diferente Apontam que o Chelsea tem um dono, enquanto o esquema de funcionamento da seleção é diferente. E que a equipe inglesa sempre se mostrou mais eficiente com um estrangeiro em seu comando. Problema de agenda Marin não se reuniu com Pelé, mas afirma que isso deverá ocorrer logo. Aponta que as atribuladas agendas de ambos têm sido um empecilho. Mesma trincheira Juvenal Juvêncio tem um aliado inesperado em sua cruzada pelo clube formador: Andres Sanchez. O corintiano se manifestou recentemente sobre a necessidade de mais medidas de proteção aos clubes. Vizinho A choperia ao estilo alemão que o marketing do Palmeiras planeja lançar não ficará no novo estádio, jurisdição da WTorre, mas em uma das casas vizinhas ao Parque Antarctica, propriedade do Palmeiras. Duas vias Palmeirenses se sentaram com executivos de uma cervejaria estrangeira. Foram apresentadas proposta e contraproposta. Intocável Um departamento que permaneceu ileso às mudanças feitas no Ministério do Esporte após a saída de Orlando Silva Jr. e a entrada de Aldo Rebelo foi a Secretaria de Alto Rendimento. Democrático Presidentes de confederações esportivas respiraram aliviados. Havia a expectativa de mudanças no setor. Eles elogiam o fato de o secretário Ricardo Leyser estar aberto a consultá-los e também a ouvi-los.


cmyb

A-8 Região

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

Amunorpi faz alerta para condutas proibidas durante ano eleitoral ELEIÇÃO Reunião na sexta-feira, 13, esclareceu dúvidas sobre o que é permitido ou não durante período Assessoria

Mais de 50 pessoas ligadas à administração de pre fe itu r a s , c âm ar a s d e vereadores e instituições mantidas com recursos públicos estiveram reunidas na sexta-feira, 13, na sede da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi), em Santo Antônio da Platina, para acompanhar a palestra do p r o c u r a d o r- j u r í d i c o d a entidade, Luciano Marcelo

Antônio de Picolli

D i a s d e Q u e i ro z , s o bre as condutas vedadas aos agentes públicos em ano eleitoral. Dirigida a prefeitos, vereadores, contadores, con-

Se em 2011 a prefeitura ou qualquer outra administração gastou R$ 10 mil com a compra de cestas básicas, não se justifica que em 2012 sejam gastos R$ 50 mil”

troladores internos e advogados, a reunião expôs sobre as proibições do artigo 73 da lei 9504/97 que trata sobre o que pode e o que não pode durante as eleições. De acordo com o ad-

Amunorpi reuniu gestores e servidores municipais para discutir condutas vedadas durante ano eleitoral

vogado Luciano de Queiroz, as exigências da lei e o rigor do Ministério Público e da Justiça Eleitoral podem fazer com que entre 30 e 40% das disputas eleitorais deste ano sejam decididas nos tribunais, justamente pelas falhas cometidas pelos can-

didatos ou seus assessores por não observarem o que é vedado durante o ano eleitoral. “Em 2000 e 2004 esse rigor não ficou tão explícito, mas em 2008, já houve um endurecimento maior do MP e da Justiça. Em 2012 promotores e juízes estarão

atentos a qualquer falha ou crime, o que pode levar a perda do registro como candidato e até do diploma, no caso dos eleitos”, alerta o procurador-jurídico da Amunorpi. Entre o deslizes mais comuns e que podem com-

prometer a eleição de um candidato estão o abuso do poder político. Segundo Queiroz, alguns atos podem até não ser proibidos, mas sem forem considerados imorais podem ser punidos. “O que a gente indica é que em caso de dúvida sobre o que pode ou não pode, o agente se coloque sempre no papel do seu adversário”, diz. O advogado também explica que é preciso estar atento aos gastos, princip a lmente na áre a s o ci a l dentro das administrações. “Se em 2011 a prefeitura ou qualquer outra administração gastou R$ 10 mil com a compra de cestas básicas, n ã o s e ju s t i f i c a qu e e m 2012 sejam gastos R$ 50 mil”, exemplifica. Quem cometer essas irregularidades está sujeito a várias punições que vão desde o pagamento de multa - que varia de R$ 5 a R$ 106 mil – até a cassação do registro do candidato ou do diploma, em caso dos eleitos.

QUALIDADE DE VIDA

CORRETORES

Júnior Pucci é eleito Prefeitura inaugura asfalto da Rua Francisco novo presidente do Creci Camargo

Antônio de Picolli

Arquivo

Júnior Pucci foi eleito na úlitma sexta-feira Da Redação

O empresário e corretor de imóveis de Santo Antônio da Platina, Admar Pucci Júnior foi eleito presidente Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Paraná (Creci-PR). A eleição aconteceu na manhã de sextafeira, 13, Hotel Ambassador, em Curitiba. Eleito com mais de 80% dos votos, Júnior Pucci como é conhecido o empresário, vai comandar os destinos do conselho durante o triênio 2013/2015. A eleição aconteceu durante uma sessão especial do conselho. Os integrantes da Chapa “João Teodoro”, eleita pelos corretores de imóveis do estado com 82% dos votos, se reuniram para a Posse do Conselho Pleno e escolha da sua nova diretoria. A solenidade foi presidida pelo presidente do Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci) João Teodoro da Silva e secretariada pelo conselheiro Nilson Donizeti Ribeiro. Na cerimônia, o atual presidente em exercício Junior Pucci e sua diretoria foram eleitos por aclamação. A composição da diretoria do Conselho ficou definida da seguinte forma: Junior Pucci (presidente), Ricardo Kikina (1º vice-presidente), Rosalmir Moreira (2º vice-presidente),

Luiz Celso Castegnaro (diretor tesoureiro), Sabas Martin Fernandes (2º diretor tesoureiro), Mariano Dynkowski (diretor secretário) e Marilde Reis (2ª diretora secretária). Para os cargos de conselheiros federais foram eleitos: João Teodoro da Silva e Junior Pucci sendo seus suplentes Sabas Martin Fernandes e Claudio Sandri. O Conselho Fiscal efetivo foi composto por Makihiro Matsubara, Zeferino José Mazorana e Sérgio Ari Hach com os suplentes Olmir Mingotti, Marcos Antonio Francalacci França e Antonio Leomar Colla. Também foram eleitos os vice-presidentes adjuntos de fiscalização Nilson Donizeti Ribeiro, de Integração Marco Antonio Bancarin, de assuntos pedagógicos Arlindo Aparecido Zital e de assuntos da mulher Izabel Maestrelli. Junior Pucci destacou os principais objetivos da Chapa eleita. “O nosso grupo trabalhará em prol da categoria e da sociedade paranaense. Buscaremos realizar item por item da nossa extensa plataforma de trabalho, tendo como prioridade o combate ao exercício ilegal da profissão”. Os conselheiros eleitos começarão o seu mandato no dia 1º de janeiro de 2013.

Da Assessoria

Integrando as comemorações dos 112 anos de Jacarezinho, a Prefeitura Municipal inaugurou no sábado, 16, o asfalto da Rua Francisco Camargo, no Parque Bela Vista. Além de aprimorar o acesso ao local, agora os moradores terão melhoria na qualidade de vida através de outros serviços públicos, como a coleta de lixo que será facilitada. Durante a visita ao local, a prefeita Tina Toneti conversou com moradores que relataram que há anos sofriam nos dias de chuva com o barro e com a água que descia pelas ruas, o que dificultava o acesso à suas casas. Nos períodos de seca, a poeira incomodava e causava problemas respiratórios. “Um dos moradores contou que há mais de 40 anos passava por essa situação, e hoje este problema foi resolvido. Junto com o asfalto outros serviços serão facilitados e a água terá o escoamento correto. Estas boas condições fazem com que os moradores fiquem mais felizes e até cuidem mais

Para a prefeita Tina, essas melhorias conferem mais dignidade aos moradores

das suas casas. Atualmente, estamos realizando obras em vários bairros, e é aos poucos que vamos conseguir que nenhuma rua fique sem asfalto, queremos fazer muito mais por Jacarezinho, para garantir uma vida digna para toda a população”, ressaltou Tina. Para o secretário de Planejamento, Nelson Paulino, Jacarezinho comemorou 112 anos e a população em vários pontos do município, continua recebendo os presentes. O secretário também

lembrou que na Rua Francisco Camargo, assim como em outros bairros foram instalados os módulos sanitários, que propiciam condições de higiene adequadas. “Esta obra vai permitir o acesso a outros serviços públicos, pois até a coleta de lixo era difícil de ser realizada sem o asfalto”, completou Nelson Paulino. A ve re a d or a Lu c i an e Aparecida Alves que também é assistente social e desenvolve um programa junto à Secretaria de Saúde,

Antônio de Picolli

Prefeita Tina Toneti inaugura rua Francisco Camargo, no Parque Bela Vista que ganhou asfalto

falou sobre as dificuldades que ela mesma tinha para fazer visitas aos pacientes que moram no local e frisou que com o asfaltamento o problema será sanado. “Além do acesso, estes moradores terão condições de qualidade de vida melhores”, concluiu a vereadora. Já para o morador Carlos Batista de Oliveira, o asfal-

Moro aqui há 24 anos e sofri muito com a falta do asfalto, por isso, hoje quero agradecer a todos que colaboraram para esta realização”

tamento da rua representa a realização de um sonho. “Muitos de nós (moradores) batalhamos e estamos muito felizes com a concretização desse sonho. Moro aqui há 24 anos e sofri muito com a falta do asfalto, por isso, hoje quero agradecer a todos que colaboraram para esta realização”, declarou.

cyan magenta yellow black


cmyb

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

Geral

B-1

www.tribunadovale.com.br

Caixa aumenta em 25% número de contratos, mas não alcança meta

Antônio de Picolli

MINHA CASA, MINHA VIDA Agência de Santo Antônio da Platina pretendia firmar 450 contratos, mas só alcançou 274 Felipe Peres

A agência da Caixa Econômica Federal (CEF) em Santo Antônio da Platina conseguiu superar em 25% o número de contratos para moradias populares em 2011, comparado a 2010. Porém, o número não foi suficiente para atingir a meta desejada pela agência. No começo do ano passado, o gerente da agência, Divonzir de Morais, anunciou que pretendia fazer, ao todo, ao longo do ano, 450 contratos dos programas Minha Casa Minha Vida, do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), contra os 220 feitos em 2010. Porém, o ano terminou e a agência, que atende outros quatro municípios –Barra do Jacaré, Guapirama, Joaquim Távora e Jundiaí do Sul- conseguiu firmar apenas 274 contratos. Apesar do aumento de 25%

em relação a 2010, o gerente admitiu que não foi possível alcançar a meta. Para Morais, dois motivos justificam o número abaixo do esperado. “Tivemos alguns problemas internos no ano passado, já que precisamos nos adequar a um novo sistema de atendimento, padronizado em todas as agências da Caixa. Isso fez com que perdêssemos um pouco do foco”, disse o gerente, referindo-se a uma série de mudanças instituídas nas agências, que visavam melhorar e agilizar o atendimento, como a criação da célula de atendimento, por exemplo. Outro fator preponderante para o número abaixo do esperado, na opinião do gerente, foi uma decisão do governo federal. “No ano passado o governo parou de financiar moradias onde não havia infraestrutura. Mas o próprio governo voltou atrás e agora já está permitido novamente esse financiamen-

Só esse ano, agência da CEF já firmou na região 416 contratos para o programa Minha Casa Minha Vida

to”, completou. Metas para 2012 Depois de não atingir seu objetivo em 2011, o gerente da agência de Santo Antônio da Platina da Caixa Econômica Federal (CEF), Dovonzir de Morais já mira novas metas para 2012. Segundo ele, apenas quatro meses depois de iniciar 2012, a agência já fez 533 contratos nos cinco municípios

TRABALHO

Segundo os dados do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), em fevereiro de 2012 foram criados 14.075 empregos celetistas, equivalente ao crescimento de 0,56% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior. Os setores de atividade que mais contribuíram para este resultado foram os Serviços (+8.407 postos), a Indústria de Transformação (+3.303 postos), o Comércio (+1.349 postos) e a Construção Civil (+1.231 postos). Na série ajustada, que incorpora as informações declaradas fora do prazo, nos dois primeiros meses do corrente ano houve acréscimo de 29.763 postos (+1,19%).

Ainda na série com ajustes, nos últimos 12 meses verificou-se crescimento de 4,79% no nível de emprego ou +115.768 postos de trabalho. Este resultado foi o melhor da Região Sul. Em março de 2011, foram criados 13.972 empregos. Na região, municípios com mais de 30 mil habitantes aparece Jacarezinho com 3261 admissões, 252 demissões e um saldo positivo de 74, totalizando um percentual de 0,88%. Santo Antônio da Platina vem atrás com 301 admissões, 257 demissões e 44 carteiras assinadas, totalizando um porcentagem de 0,52%. Na Região Metropolitana de Curitiba está concentrado o maior número de empregos, 4.437. Apenas na capital, o

saldo foi de 3.408. Em segundo lugar, entre as cidades com mais de 30 mil habitantes, Maringá, no norte do estado, foi a que mais gerou empregos com 1.410 profissionais contratados com carteira assinada. E em terceiro lugar, tem-se São José dos Pinhais com 768 empregos. Em todo o país foram criados 442.608 empregos com carteira assinada nos três primeiros meses do ano. Isso representa uma queda de 24,1% frente ao mesmo período do ano passado. Somente em março, os números do Ministério do Trabalho mostram que foram criados 111.746 postos formais de trabalho, o que representa uma alta de 20,57% frente ao mesmo período de 2011.

LUTO

Sepultamento de Ferreira reúne centenas de amigos e familiares Da Redação

Foi sepultado na tarde do último sábado, 14, o corpo do comerciante Carlos Alves Ferreira em Santo Antonio da Platina. Centenas de amigos e familiares compareceram ao Cemitério São João Batista para se despedir de “Carlinhos Ferreira”, como era conhecido. O comerciante havia feito uma cirurgia no quadril na semana passada em Londrina e ao voltar para casa na última sexta-feira para se recuperar acabou passando mal e faleceu na madrugada do sábado, em sua casa, vítima de uma em-

bolia pulmonar, aos 65 anos. O enterro foi marcado pelas homenagens e reuniu mais de 500 pessoas na funerária Rainha das Colinas, onde foi velado. Carlinhos trabalhava com comércio desde adolescente e foi sócio da rede de supermercados Ferreira, existente há mais de 20 anos na cidade. Também foi jogador profissional de futebol e atuou em vários times da região e do interior de São Paulo. “Carlinhos era o caçula de oito irmãos e muito querido na cidade, sempre foi esportista e comunicativo e tinha como hobby jogar futebol durante as

agência já fez 117 contratos. Serão construídas ainda em 2012, 15 moradias desse padrão em Barra do Jacaré, 15 em Guapirama, 25 em Joaquim Távora, três em Jundiaí do Sul, 26 em Ribeirão do Pinhal e 33 em Santo Antônio da Platina. Já o número de contratos do Minha Casa Minha Vida (urbano) chegou a 416 na região neste início de ano. Barra

do Jacaré terá a construção de 70 casas, Guapirama 50, Joaquim Távora 133, Jundiaí do Sul 20, Ribeirão do Pinhal 45 e Santo Antônio da Platina 100. De acordo com informações da agência, cada contrato beneficia em média três pessoas. “As famílias já foram selecionadas. Falta apenas a licitação para a contratação da construtora”, finalizou o gerente.

AGRICULTURA

Paraná cria mais de 14 mil empregos em fevereiro CAGED

de abrangência, unindo os contratos do programa Minha Casa Minha Vida (urbano) e Minha Casa Minha Vida Rural. “Esse ano, com o novo atendimento já adequado às exigências da Caixa, pretendemos aumentar muito o número de contratos. Até agora, já temos 533 firmados”, disse. Só do programa Minha Casa Minha Vida Rural, a

Arquivo da Família

Ferreira faleceu no último sábado

tardes na Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB). Uma pessoa muita boa que se foi de repente e vai deixar muitas saudades”, declarou o amigo e sogro de sua filha Ademar Lemes de Toledo.

Produtores de Ribeirão Claro ensinam segredos do café especial Assessoria

Cafeicultores participantes da Associação de Cafés Especiais de Ribeirão Claro (Pace) estão ensinando as técnicas e metodologias aprendidas nos últimos anos a produtores de outros municípios. Os produtores Cleomilson Serafim e Ademir Baggio fizeram uma palestra à categoria da região na última Efapi, em Santo Antônio da Platina e a experiência deve ser repetida em breve em outros encontros técnicos sobre a cultura. Formada em 2009, a Pace conta atualmente com 23 produtores, apoiados pela prefeitura através da Secretaria de Agricultura. Em reuniões promovidas mensalmente, os cafeicultores conhecem as novas tecnologias, produtos e técnicas para aumentar a produtividade com qualidade e respeito ao meio ambiente. Como resultado, o café colhido em Ribeirão Claro ganhou projeção mundial com o fechamento de negócios com grupos de investidores internacionais. Além do acúmulo de conhecimento, a dedicação do grupo resultou na obtenção da certificação Fair Trade (comércio justo). Capacitação do cafeicultor, respeito ao meio ambiente e trabalho com condições dignas são algumas das exigências feitas pelos compradores desse tipo de produto. O investimento e tempo investidos já estão dando retorno. Os últimos lotes de café especial comercializados pelos integrantes da Pace atingiram o preço de R$ 640 a saca, contra

Experiência está sendo transmitida a outros agricultores

os R$ 480 pagos em média ao café sem certificação. Segundo o técnico agropecuário e juiz da Specialty Coffee Association of America (SCAA), Rogério Alves, os cafeicultores passaram por capacitações de aplicação de agrotóxicos e atualmente fazem o curso de gestão rural. “Até o momento são nove propriedades com certificação Fair Trade, mas o número vai crescer nos próximos meses”, contou. Alves aponta a mudança de comportamento como um dos fatores responsáveis pela evolução técnica e qualitativa da cultura do café no município. “Hoje os agricultores entenderam que o trabalho desenvolvido é

para o bem deles e acatam as recomendações dadas”, revela. Alves explica que a cada venda, cerca de R$ 60 reais ficam na Pace para investimento em infraestrutura e compra de equipamentos para uso conjunto dos associados. “O objetivo é fortalecer tanto o produtor quanto a associação”, explica. Tanta dedicação despertou a atenção da Green Coffee, maior torrefação dos Estados Unidos. “Eles compram por um valor maior, mas também exigem bem mais”, afirmou. “Fico contente com a evolução do produtor, hoje eles fazem as coisas sabendo o porquê estão fazendo e já tem plenas condições de passar a própria experiência para outros agricultores”, concluiu.

Grupo recebe visitas e está sendo requisitado para palestras

cyan magenta yellow black


B-2 Atas&Editais VENDE-SE Parati Plus-Completo 2006, Prata chapa A ,Pneus novos baixa quilometragem Impecavél . Telefone: 043-3534-1748/ 99770368

CIAS - CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL PARA ATERRO SANITÁRIO DE JOAQUIM TÁVORA torna público que requereu ao IAP, a LICENÇA DE OPERAÇÃOI, para atividade de ATERRO SANITÁRIO, no bairro Viaduldo, Quinhão, Joaquim Távora - Paraná. Foi determinado estudo de impacto ambiental e/ou não foi determinado estudo de impacto ambiental. Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente RESOLUÇÃO Nº 001/2012 SÚMULA – Apresenta a nova composição do Conselho Tutelar Gestão 2010-2013 do Município de Joaquim Távora - Pr. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA do Município de Joaquim Távora, Estado do Paraná no uso de suas atribuições legais e considerando a Lei Municipal nº 1.052/2008 de 26/05/2008. RESOLVE: Apresentar a nova composição do Conselho Tutelar, devido a substituição da conselheira Maria Cristina Calil dos Santos pelo conselheiro suplente eleito Eder Alves de Oliveira. Portanto, a nova composição do Conselho Tutelar é a seguinte: Anice Lemes de Toledo Carneiro Angela Maria Rocco Lourdes Humeniuk Ademar Ferreira de Lima Eder Alves de Oliveira Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, revogandose as disposições em contrário. Joaquim Távora, 09 de abril de 2012. Alessandra Bianchi Florenço Presidente do CMDCA

EXTRAVIO DE NOTAS DE PRODUTOR Jair Kerche de Camargo CPF/MF: 055.665.518-40 e Marilda Fermino de Camargo, com inscrição Estadual de produtor número - 95005188-44 e Incra número 7110470015972 Propriedade denominada Ovos J. K localizada no Bairro Piranha no Município de Guapirama-PR., tornam público que foi extraviado de seu estabelecimento no dia 25 de novembro de 2011 as Notas fiscais de produtor de nº 336 a 340. Com essa publicação ficam sem valor comercial. Guapirama PR., 13 de abril de 2012

PREFEITURA MUNICIPAL DE CONSELHEIRO MAIRINCK AVISO DE LICITAÇÃO - PREGÃO PRESENCIAL Nº 010/2012 – PROCESSO LICITATÓRIO Nº 012/2012 O Município de Conselheiro Mairinck, Estado do Paraná, e em obediência a lei nº 10.520 de 17/07/2002, aplicando-se subsidiariamente no que couberem, as disposições da lei Federal nº 8.666/93 e seus anexos e sucedâneos, torna publico para conhecimento de todos os interessados que fará realizar com inicio marcado para as 09:00 horas do dia 02 de Maio de 2012, em sua sede à Praça Otacílio Ferreira, nº 82 em Conselheiro Mairinck, a Licitação – Pregão Presencial nº 010/2012, objetivando a “aquisição de gêneros alimentícios para atender às necessidades dos diversos departamentos da Administração, até 31 de Dezembro de 2012” I – TIPO DE LICITAÇÃO: menor preço para cada ITEM. II - FORMA DE PAGAMENTO: em até 30 (trinta) dias contados da efetiva entrega dos produtos requisitados e da respectiva Nota Fiscal; III – FORMA DE ENTREGA: as entregas deverão serem feitas pela proponente adjudicatária contratada, sob sua responsabilidade sem nenhum acréscimo, parceladamente em tantas etapas quantas forem necessárias, nas quantidades solicitadas pelo Departamento Municipal de Compras, de acordo com a necessidade e consumo, nos locais a serem indicados pelo respectivo departamento. A entrega de cada pedido ou requisição, deverá ser realizada no período de até 05 (cinco) dias corridos a contar da data do pedido de fornecimento (requisição de compras). A copia do edital e de seus anexos, deverão ser retirados na sede da Prefeitura Municipal de Conselheiro Mairinck, tendo em vista seguir em anexo CD com planilha para preenchimento de dados magnéticos. Horário de atendimento: das 08:00 às 11:00 horas e das 13:00 e das 17:00 horas na sede da Prefeitura Municipal de Conselheiro Mairinck, na Praça Otacílio Ferreira, nº 82, Centro da Cidade de Conselheiro Mairinck. Informamos que a entrega do edital e seus adendos somente no endereço acima citado; Conselheiro Mairinck, 17 de Abril de 2012. Juarez Lélis Granemann Driessen Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORAPARANÁ EDITAL DE LICITAÇÃO – MODALIDADE – PREGÃO PRESENCIAL 023/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO 39/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE OBJETO DA LICITAÇÃO: Contratação de empresa para aquisição 04 (quatro) Tanques Resfriadores de leite e 01(um) conjunto de Inseminação Artificial para bovinos, conforme Termo de Referencia, custeados com recursos do Convenio 11.232.522-0- Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento- SEAB. DATA E HORÁRIO DE APRESENTAÇÃO E ABERTURA DOS ENVELOPES: DATA DA ENTREGA DOS ENVELOPES: 30/04/2012 até às 8:29 hrs DATA DA ABERTURA E JULGAMENTO: 30/04/2012 às 08:30hrs LOCAL DA ABERTURA: Prefeitura Municipal de Joaquim Távora, Rua Miguel Dias, 226, Estado do Paraná. Obs: A documentação completa do Edital deverá ser retirada no endereço acima mencionado, no horário comercial das 08:00 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas. Joaquim Távora, em 11 de abril de 2012. CLAUDIO REVELINO PREFEITO MUNICIPAL DANIELE DE OLIVEIRA NABARRO PREGOEIRA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORAPARANÁ EDITAL DE LICITAÇÃO – MODALIDADE – PREGÃO PRESENCIAL 024/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO 40/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE OBJETO DA LICITAÇÃO: Contratação de empresa para aquisição Corretivo de Solo Fosfatado – Super Fosfato Simples, conforme Termo de Referencia, custeados com recursos do Convenio da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento- SEAB e contrapartida do município. DATA E HORÁRIO DE APRESENTAÇÃO E ABERTURA DOS ENVELOPES: DATA DA ENTREGA DOS ENVELOPES: 30/04/2012 até às 10:29 hrs DATA DA ABERTURA E JULGAMENTO: 30/04/2012 às 10:30hrs LOCAL DA ABERTURA: Prefeitura Municipal de Joaquim Távora, Rua Miguel Dias, 226, Estado do Paraná. Obs: A documentação completa do Edital deverá ser retirada no endereço acima mencionado, no horário comercial das 08:00 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas. Joaquim Távora, em 11 de abril de 2012. CLAUDIO REVELINO PREFEITO MUNICIPAL DANIELE DE OLIVEIRA NABARRO PREGOEIRA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORAPARANÁ EDITAL DE LICITAÇÃO – MODALIDADE – PREGÃO PRESENCIAL 025/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO 41/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE OBJETO DA LICITAÇÃO: Contratação de empresa para aquisição combustível (20.000 litros de óleo diesel), custeados com recursos do Convenio da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento- SEAB. DATA E HORÁRIO DE APRESENTAÇÃO E ABERTURA DOS ENVELOPES: DATA DA ENTREGA DOS ENVELOPES: 30/04/2012 até às 14:29 hrs DATA DA ABERTURA E JULGAMENTO: 30/04/2012 às 14:30hrs LOCAL DA ABERTURA: Prefeitura Municipal de Joaquim Távora, Rua Miguel Dias, 226, Estado do Paraná. Obs: A documentação completa do Edital deverá ser retirada no endereço acima mencionado, no horário comercial das 08:00 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas. Joaquim Távora, em 11 de abril de 2012. CLAUDIO REVELINO PREFEITO MUNICIPAL DANIELE DE OLIVEIRA NABARRO PREGOEIRA PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIRAMA – PR LICITAÇÃO - MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 013/2012 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE O Município de Guapirama, Estado do Paraná, torna público que fará realizar licitação, na modalidade Pregão Presencial, que tem por objeto a seleção de proposta visando à AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DE DRENAGENS EM DIVERSOS LOCAIS NO MUNICÍPIO DE GUAPIRAMA – PARANÁ, conforme lote descrito no edital do pregão presencial 013/2012, valor máximo de R$ 96.767,50 (noventa e seis mil setecentos e sessenta e sete reais e cinqüenta centavos), assim distribuído: LOTE ÚNICO – R$ 96.767,50 (noventa e seis mil setecentos e sessenta e sete reais e cinqüenta centavos). De acordo com especificações e condições constantes do edital de licitação pregão presencial 013/2012 e seus anexos. Data e Horário da Sessão Pública: 02 DE MAIO DE 2012 ÀS 09:00 HORAS, na sede da Prefeitura Municipal de Guapirama, sita à Rua Dois de Março, 460. O edital completo e informações estão disponíveis aos interessados na Secretaria Geral do Município de Guapirama, na Rua Dois de Março, 460, nos horários das 08:00 às 11:00 e 13:00 às 16:00 horas. A pasta técnica, com o inteiro teor do edital e seus respectivos modelos, adendos e anexos poderão ser examinados no endereço, acima indicado, no horário comercial, ou pelo endereço eletrônico www.guapirama.pr.gov.br. Informações adicionais, dúvidas e pedidos de esclarecimento deverão ser dirigidos à Comissão de Licitação no endereço acima mencionado – fone/ fax: (0**43) 3573-1122. Guapirama - PR, 16 de abril de 2012. ANGELA SOARES DE OLIVEIRA PREGOEIRA

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

CONTRATO DE FORNECIMENTO Contrato no35/2012 EXTRATO DE CONTRATO. MUNICÍPIO DE CAMBARÁ – CONTRATANTE. DETONE COMÉRCIO DE GÁS LTDA – ME - CONTRATADO. DO OBJETO. Fornecimento de gás de cozinha, conforme item 01 do instrumento convocatório e anexos. DO FORNECIMENTO O objeto da presente licitação será entregue em quantas etapas forem necessárias, conforme solicitação do Departamento de Compras, sendo que no prazo de até 12 (doze) horas após o pedido feito pelo departamento de compras da Contratante, durante o período de 12 (doze) meses. A aquisição dos produtos, objeto do presente CONTRATO, poderá sofrer acréscimos e/ou supressões, até o limite previsto no artigo 65 da Lei nº 8.666/93, alterada pela Lei nº 9.648/98. DO PREÇO E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO. O Valor Unitário do item 01 é R$ 175,00 (cento e setenta e cinco reais), tudo em conformidade com o preço vigente e consignado na Ata de Registro de Preços. O valor estimado do presente contrato é de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais), referente à quantidade estimada para o item descrito na cláusula primeira. O pagamento será efetuado em 30 (trinta) e 60 (sessenta) dias após a entrega do objeto, bem como da nota fiscal/fatura. DA ENTREGA A entrega será feita em diversas etapas, conforme pedido do departamento de compras da CONTRATANTE, sendo que cada etapa deverá ser no prazo de até 12 (doze) horas após o pedido feito pelo departamento de compras. CRÉDITO PELO QUAL CORRERÃO AS DESPESAS. O crédito correrá pela classificação funcional Dotação Orçamentária 03 SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO IND COMERCIO 03.001 DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO 04 ADMINISTRAÇÃO 04.122 ADMINISTRAÇÃO GERAL 04.122.0402 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO 04.122.0402.2070 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES: 1000, 1511 03 SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO IND COMERCIO 03.001 DEPARTAMENTO A D M I N I S T R AT I V O 0 6 S E G U R A N Ç A P U B L I C A 0 6 . 1 5 3 DEFESA TERRESTRE 06.153.6182 DEFESA E SEGURANÇA 06.153.6182.2560 MANUTENÇÃO DA DEFESA E SEGURANÇA 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES:1000,1511 05 SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA 05.001 DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO 12 EDUCAÇÃO 12.361 ENSINO FUNDAMENTAL 12.361.1202 MANUTENÇÃO ENSINO FUNDAMENTAL 12.361.1202.2100 MANUTENÇÃO ENSINO FUNDAMENTAL OUTROS RECURSOS 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES:1000,1103,1104,1107,31110,31126 05 SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA 05.002 DEPARTAMENTO DE CULTURA 13 CULTURA 13.392 DIFUSÃO CULTURAL 13.392.1812 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE CULTURA 13.392.1812.2210 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE CULTURA 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES:1000 06 SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER 06.001 DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER 27 DESPORTO E LAZER 27.812 DESPORTO COMUNITÁRIO 27.812.2260 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER 27.812.2260.2130 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES:1000 07 SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE 07.001 DEPARTAMENTO DE SAÚDE 10 SAÚDE 10.301 ATENÇÃO BÁSICA 10.301.2290 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE SAÚDE 10.301.2290.2040 MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE SAÚDE 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES:1000, 1303, 1495, 1510 07 SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE 07.001 DEPARTAMENTO DE SAÚDE 10 SAÚDE 10.301 ATENÇÃO BÁSICA 10.301.2310 MANUTENÇÃO DA GER PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PSF 10.301.2310.2050 MANUTENÇÃO DA GER PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PSF 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES: 1303 e 1495 08 SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 08.001 DEPARTAMENTO DE AÇÃO SOCIAL 08 ASSISTÊNCIA SOCIAL 08.243 ASSISTÊNCIA A CRIANÇA E AO ADOLESCENTE 08.243.2380 MANUTENÇÃO DA ASSESSORIA P/ ASSUNTOS DAS CRIANÇAS 08.243.2380.2230 MANUTENÇÃO DA ASSESSORIA P/ ASSUNTOS DA CRIANÇA E ADOLESCENTE 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES: 1000 08 SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 08.001 DEPARTAMENTO DE AÇÃO SOCIAL 08 ASSISTÊNCIA SOCIAL 08.243 ASSISTÊNCIA A CRIANÇA E AO ADOLESCENTE 08.243.2380 MANUTENÇÃO DA ASSESSORIA P/ ASSUNTOS DAS CRIANÇAS 08.243.2380.6010 MANUTENÇÃO DA ASSESSORIA P/ ASSUNTOS DA CRIANÇA E ADOLESCENTE 339030000000 MATERIAL DE CONSUMO FONTES: 1000 Gabinete do Prefeito Municipal, 16 de abril de 2012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO CONTRATANTE DETONE COMÉRCIO DE GÁS LTDA – ME CONTRATADO


TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

Atas&Editais B-3

PREFEITURA MUNICIPAL DE ANDIRÁ DECRETO Nº. 6.016 DE 16 DE ABRIL DE 2012 SÚMULA: Concede pensão por morte a Odete Bueno de Moraes. O Prefeito do Município de Andirá, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, DECRETA: Art. 1º - Fica concedida PENSÃO POR MORTE a ODETE BUENO DE MOARES, brasileira, viúva, portadora do RG 3.656.966-2 SSP PR, inscrita no CPF sob nº. 497.468.559-72, em razão do falecimento de seu esposo, o Servidor Público Municipal PAULO CÉSAR COSTA, lotado no Quadro de Pessoal Inativo. Art. 2º - A presente pensão é concedida pela regra prevista no art. 40, § 7º, inciso I da Constituição Federal e a forma de reajuste será de acordo com o art. 7º da Emenda Constitucional 41/2003. Art. 3º - O valor do provento de pensão será de R$ 545,00 (quinhentos e quarenta e cinco reais). Art. 4º - A data de início do benefício é 08 de julho de 2011. Art. 5º - Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Paço Municipal “Bráulio Barbosa Ferraz”, Município de Andirá, Estado do Paraná, aos 16 dias de abril de 2012, 69º da Emancipação Política. JOSÉ RONALDO XAVIER - PREFEITO MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIAPL DE Abatiá Portaria Nº 082 de 05 de Abril de 2012. O Prefeito Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE: I – Conceder, a servidora EDINÉIA DA SILVA VISOTO DE OLIVEIRA, ocupante do Cargo do Emprego Público de AUXILIAR DE ENFERMAGEM, Regime C. L. T. deste Município, as férias que são de direito, pelo período de trabalho compreendido entre 2011/2012, a partir do dia 09/04/2012. II - Revoga-se as disposições em contrário. III - Registre-se, publique-se. Gabinete do Prefeito, aos 05 dias do mês de Abril do ano de 2012. IRTON OLIVEIRA MÜZEL - Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-ESTADO DO PARANÁ AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 15/2012-SRP Objeto: Registro de preços visando à contratação de empresa prestadora de serviços de publicação na imprensa escrita dos atos oficiais do município de Quatiguá. Tipo: menor preço. Credenciamento: 03/05/2012 das 08h00min às 09h00min. Abertura: Após credenciamento. Informações sobre a retirada do edital através do site: www.quatigua.pr.gov.br, ou através do e-mail: licitacao@quatigua.pr.gov.br. Quatiguá-PR, em 16 de abril de 2012. Gilvan de Oliveira – Pregoeiro. PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ-ESTADO DO PARANÁ EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL ADITIVO I AO CONTRATO Nº 32/2011 Partes: Município de Quatiguá e a empresa Bakk Artefato de Concreto Ltda. - ME. Objeto: Aquisição de tubos de concreto. Alteração: Prorrogação da vigência do contrato original em mais 35 (trinta e cinco) dias, expirando-se em 17 de maio de 2012. Data: 13 de abril de 2012. Antonio Francisco Zanini – Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAQUIM TÁVORA - PARANÁ TERMO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2012 – PMJT PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 033/2012 – PMJT OBJETO: Contratação de empresa para a aquisição de Materiais de Laboratório para a Unidade Básica de Saúde do Município, conforme Termo de Referência do Edital. Tendo em vista a Ata de Julgamento do Pregão em epígrafe, elaborada pelo Pregoeiro deste Município; o Senhor CLAUDIO REVELINO, Prefeito Municipal de Joaquim Távora, no uso de suas atribuições legais RESOLVE: HOMOLOGAR A LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2012 – TIPO MENOR PREÇO POR LOTE e ADJUDICAR o objeto da licitação para a empresa: LCI Produtos Diagnósticos Ltda., inscrita no CNPJ sob n.º 07.293.786/0001-21, declarada VENCEDORA do Lote 01 com um valor máximo contratual de R$ 21.515,66 (vinte e um mil quinhentos e quinze reais e sessenta e seis centavos). E para que produza seus efeitos jurídicos e legais, Convoca-se a empresa vencedora do certame para comparecimento ao Departamento de Licitação da Prefeitura de Joaquim Távora para assinatura do contrato num prazo máximo de 05 (cinco) dias. PUBLIQUE-SE Joaquim Távora, 16 de abril de 2012. CLAUDIO REVELINO - PREFEITO MUNICIPAL Prefeitura Municipal de Cambará, Estado do Paraná EDITAL Nº 001/2012 O SR. JOSÉ SALIM HAGGI NETO, PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e tendo em vista o Decreto nº 1.260 de 29/03/2012 de autorização para realização de Processo Seletivo, para preenchimento de empregos vagos no Quadro Isolado de Pessoal do Programa de Saúde da Família – PSF da Prefeitura Municipal, RESOLVE TORNAR PÚBLICO, que se acham abertas durante 05 (cinco) dias, a contar do dia .23 à 27/04/2012, as inscrições para provimento de empregos vagos do Quadro de Pessoal Isolado do Programa de Saúde da Família – PSF, para os empregos de: AGENTE COMUMITÁRIO DE SAÚDE; AGENTE DE CONTROLE DE ENDEMIAS; DENTISTA e MÉDICO em conformidade com a legislação em vigor. As pessoas interessadas deverão procurar a sede da Prefeitura Municipal, sito à Av. Brasil, 1082, centro em Cambará, para informações e inscrições, telefone 043 – 3532 – 8800, Ramal 28. NOTIFIQUE-SE, REGISTRE-SE, CUMPRA-SE Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará, Estado do Paraná, em 16 de Abril de 2.012. JOSÉ SALIM HAGGI NETO - Prefeito Municipal de Cambará PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMAZINA PORTARIA N.º 067/2012 O senhor Guilherme Cury Saliba Costa, Prefeito Municipal de Tomazina, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, R E S O L V E: Exonerar em 16 de abril de 2012, a pedido, o servidor MARCIO CRISTIANO DA SILVA, portador do RG nº 7.345.948-6 PR e da CTPS nº 27970 série 00055 PR, do cargo de “Auxiliar de Educação Infantil”. CUMPRA-SE - REGISTRE-SE - PUBLIQUE-SE Gabinete do Prefeito Municipal de Tomazina, em 16 de abril de 2012. GUILHERME CURY SALIBA COSTA - Prefeito Municipal


C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 1º BIMEST... Página 1 de 2 C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA - 201... Página 1 de 4

B-4 Atas&Editais

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

CIVARC- Consorcio Intermunicipal Vale do Rio Cinzas - 2011

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

Relatório de Alteração Orçamentária (Detalhado) Equiplano

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

Página: 1

ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

Ato do Gestor nº 1/2011 de 01/09/2011 de acordo com a(s) lei(s) autorizatória(s): 6/2010 Resumo do Previsto Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

Resumo do Realizado Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

0,00 0,00 10.000,00 0,00 0,00 0,00 10.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 10.000,00 0,00

JANEIRO A FEVEREIRO DE 2011 0,00 0,00 10.000,00 0,00 0,00 0,00 10.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 10.000,00 0,00

BALANÇO ORÇAMENTÁRIO

Recurso - Cancelamento Orçamentária

1.189.960,00

Previsão atualizada da receita

0,00

1.189.960,00

Receitas realizadas

130.407,96

130.407,96

Déficit orçamentário

0,00

0,00

0,00

1.189.960,00

0,00

1.189.960,00

Despesas empenhadas Despesas liquidadas

55.845,04 55.845,04

55.845,04 55.845,04

Superávit orçamentário

74.562,92

74.562,92

Crédito adicional

0,00

Dotação atualizada

10.000,00

Cancelamento

55.845,04

Despesas liquidadas

55.845,04

55.845,04

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

Recurso - Cancelamento Orçamentária

000100 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

195.825,77

No bimestre

Até o bimestre

Receitas previdenciárias (IV)

0,00 0,00 19.000,00 0,00 0,00 0,00 19.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 19.000,00 0,00

Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V) RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

Meta fixada no anexo de Resultado apurado até o % em relação a meta (b/a) metas fiscais da LDO (a) bimestre (b)

Resultado nominal

0,00

(40.045,12)

0,00

Resultado primário

0,00

73.504,96

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

12/04/2012 16:08:38 19.000,00

Poder executivo

28.611,96

0,00

28.556,96

55,00

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder executivo

1.000,00

0,00

0,00

1.000,00

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

29.611,96

0,00

28.556,96

1.055,00

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS

TOTAL

01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000110 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.39.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

Até o bimestre 130.407,96

RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Despesa

19.000,00 Cancelamento

DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

CIVARC- Consorcio Intermunicipal Vale do Rio Cinzas - 2011 Relatório de Alteração Orçamentária (Detalhado)

Ato do Gestor nº 4/2011 de 01/10/2011 de acordo com a(s) lei(s) autorizatória(s): 6/2010 Equiplano

Página: 2

Resumo do Realizado Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

0,00 0,00 65.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 65.000,00 0,00 0,00

0,00 0,00 65.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 65.000,00 0,00 0,00

Recurso - Superávit Financeiro de Orçamentária

20.000,00

01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000100 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

Recurso - Superávit Financeiro de Orçamentária

45.000,00

Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL Valor apurado até C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 1ºo bimestre BIMEST... PáginaSaldo2 aderealizar 2 0,00 379,00

PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

10º Exercício

20º Exercício

35º Exercício

Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V) RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Valor apurado até o bimestre

Receita de capital resultante da alienação de ativos Aplicação dos recursos da alienação de ativos

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

Saldo a realizar 0,00

0,00

0,00

0,00

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Limites constitucionais anuais DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DESPESAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE Valor apurado até o % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 1º ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL bimestre exercício bimestre JANEIRO A FEVEREIRO DE 2011 Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde 0,00 15% 0,00 LRF, Art. 48 - Anexo XVII

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP

Valor apurado no exercício corrente

Total das despesas / RCL (%)

Ato do Gestor nº 5/2011 de 28/11/2011 de acordo com a(s) lei(s) autorizatória(s): 6/2010

LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO

Resumo do Realizado Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

Exercício em referência

SECRETARIA EXECUTIVA

0,00 0,00 39.000,00 0,00 0,00 0,00 39.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 39.000,00 0,00

GLÁUCIO CORREA CONTADOR

JOÃO RENATO CUSTÓDIO PRESIDENTE

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA - 201... Página 3 de 4 Despesa

01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC Recurso - Cancelamento 000030 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC Orçamentária 04.122.00012-001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 3.3.90.39.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 0.1.00.000000 Recursos Ordinários (Livres) - Arrecadação na Administração Direta - Exercício C 000090 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC Cancelamento CONS.INTERM.VALE DOVENIO RIO CINZAS-CIVARC 01 MANUTENÇÃO DO CON - NASF 10.301.00032-003 Cancelamento MANUTENÇÃO DO CIVARC 000010 01.001 MATERIAL DE CONSUMO 3.3.90.30.00.00 MANUTENÇÃO CIVARC na Administração Direta - Exercício Corrente 04.122.00012-001 0.1.00.000495 Atenção Básica - DO Arrecadação 3.3.90.30.00.00 MATERIAL DE CONSUMO 0.1.00.000000 Recursos Ordinários (Livres) - Arrecadação na Administração Direta - Exercício C

1.000,00

8.000,00

1.000,00

Emitido por: Gerson Cesar Costa, na versão: 5085 m 12/04/2012 16:08:38 C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA - 201... Página 3 de 4 01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC Recurso - Cancelamento 38.000,00

000100 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente 01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000090 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.30.00.00 MATERIAL DE CONSUMO 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

Orçamentária

8.000,00 Cancelamento

CIVARC- Consorcio Intermunicipal Vale do Rio Cinzas - 2011

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Relatório de Alteração Orçamentária (Detalhado) Internet Files... 16/04/2012 Emitido por: Gerson Cesar Costa, na versão: 5085 m

12/04/2012 16:08:38

Equiplano

Página: 3

01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000120 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-004 AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 4.4.90.52.00.00 EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

30.000,00 Cancelamento

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011Consorcio - CIVARC\ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA 201... Página 4 de 4 CIVARCIntermunicipal Vale do Rio Cinzas - -2011 Relatório de Alteração Orçamentária Total Geral Previsto Crédito especial 0,00 Crédito extraordinário 0,00 Equiplano Crédito suplementar 133.000,00 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 01 0,00 Operação de crédito MANUTENÇÃO DO CIVARC 000120de recurso 01.001 livre Excesso 0,00 10.301.00032-004 AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 0,00 Excesso de recurso vinculado 4.4.90.52.00.00 EQUIPAMENTOS E MATERIAL 68.000,00 PERMANENTE Anulação 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Total Geral Previsto Cancelamentos Crédito especial Cancelamentos sup. anteriores Crédito extraordinário Crédito suplementar Emitido por: Gerson Cesar Costa, na versão: 5085 m Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre

0,00 0,00 0,00 65.000,00 68.000,00 0,00 0,00 0,00 133.000,00 0,00 0,00 0,00 68.000,00 0,00 0,00 0,00

(Detalhado) Total Geral Realizado Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Cancelamento Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Total Geral Realizado Cancelamentos Crédito especial Cancelamentos sup. anteriores Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre

0,00 354.281,00

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos

Despesa 01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000090 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 10.301.00032-003 MANUTENÇÃO DO CON VENIO - NASF 3.3.90.30.00.00 MATERIAL DE CONSUMO 0.1.00.000495 Atenção Básica - Arrecadação na Administração Direta - Exercício Corrente

Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 1º exercício bimestre

Valor apurado até o bimestre

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012

0,00 0,00 39.000,00 0,00 0,00 0,00 39.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 39.000,00 0,00

No bimestre

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Resumo do Realizado Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

Emitido por: Gerson Cesar Costa, na versão: 5085 m DO RIO CINZAS-CIVARC 01 CONS.INTERM.VALE

Até o bimestre 55.845,04

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA - 201... Página 2 de 4

Resumo do Previsto Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

No Bimestre

Despesas empenhadas

Receita corrente líquida

Ato do Gestor nº 2/2011 de 05/10/2011 de acordo com a(s) lei(s) autorizatória(s): 6/2010

Resumo do Previsto Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

0,00

Dotação inicial

10.000,00

0,00 0,00 19.000,00 0,00 0,00 0,00 19.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 19.000,00 0,00

Até o bimestre 0,00

DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000030 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 04.122.00012-001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 3.3.90.39.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 0.1.00.000000 Recursos Ordinários (Livres) - Arrecadação na Administração Direta - Exercício C

Resumo do Previsto Crédito especial Crédito extraordinário Crédito suplementar Operação de crédito Excesso de recurso livre Excesso de recurso vinculado Anulação Recursos não identificados Receitas Remanejamento Superávit de recurso livre Superávit de recurso vinculado Cancelamentos Cancelamentos sup. anteriores

No Bimestre

Previsão inicial da receita

Saldos de exercícios anteriores

Despesa 01 CONS.INTERM.VALE DO RIO CINZAS-CIVARC 000020 01.001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 04.122.00012-001 MANUTENÇÃO DO CIVARC 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 0.1.00.000000 Recursos Ordinários (Livres) - Arrecadação na Administração Direta - Exercício C

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

0,00 0,00 133.000,00 30.000,00 0,00 0,00 0,00 68.000,00

Página: 3

0,00 0,00 0,00 65.000,00 68.000,00 0,00 0,00 0,00 133.000,00 12/04/2012 16:08:38 0,00 0,00 0,00 68.000,00 0,00 0,00 0,00

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012


C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 3º BIMEST... Página 1 deC:\PARA 2 PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 6º BIMEST... Página 1 de 2

Atas&Editais B-5

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

MAIO A JUNHO DE 2011

NOVEMBRO A DEZEMBRO DE 2011

BALANÇO ORÇAMENTÁRIO

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>> BALANÇO ORÇAMENTÁRIO No Bimestre

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

No Bimestre

Até o bimestre

Previsão inicial da receita

0,00

1.189.960,00

Previsão inicial da receita

Previsão atualizada da receita

0,00

1.189.960,00

Receitas realizadas

91.105,44

314.758,24

Previsão atualizada da receita Receitas realizadas

Déficit orçamentário

0,00

0,00

Saldos de exercícios anteriores

0,00

Dotação inicial

0,00

1.189.960,00

Crédito adicional

0,00

Dotação atualizada Despesas empenhadas Despesas liquidadas

1.189.960,00

83.013,22

267.539,13

122.739,52

267.539,13

8.092,22

47.219,11

Superávit orçamentário DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

0,00

No Bimestre

Despesas empenhadas Despesas liquidadas RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

83.013,22

267.539,13

122.739,52

267.539,13

No bimestre

Receita corrente líquida

91.105,44 RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

356.576,05

No bimestre

0,00

0,00 65.000,00

Dotação inicial

0,00

1.189.960,00

0,00

1.254.960,00

Despesas empenhadas Despesas liquidadas

56.163,36 53.363,36

563.028,97 521.528,97

Superávit orçamentário

51.475,69

305.375,99

Crédito adicional

65.000,00

Dotação atualizada

No Bimestre

Até o bimestre

Despesas empenhadas

56.163,36

563.028,97

Despesas liquidadas

53.363,36

521.528,97

No bimestre

Até o bimestre

Receita corrente líquida

107.639,05 RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Até o bimestre

1.189.960,00 868.404,96

Saldos de exercícios anteriores

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

Até o bimestre

1.189.960,00

0,00 107.639,05

Déficit orçamentário

DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

Até o bimestre

Até o bimestre 0,00

868.404,96

No bimestre

Até o bimestre

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos

Receitas previdenciárias (IV)

Receitas previdenciárias (IV)

Despesas previdenciárias (V)

Despesas previdenciárias (V)

Resultado previdenciário (IV-V)

Resultado previdenciário (IV-V)

RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

Resultado apurado até o bimestre (b)

Resultado nominal

0,00

(20.734,38)

0,00

Resultado primário

0,00

43.510,87

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

Poder executivo

28.611,96

0,00

0,00

28.611,96

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

1.000,00

0,00

0,00

1.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

29.611,96

0,00

0,00

29.611,96

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS Poder legislativo TOTAL DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL Valor apurado até o bimestre Saldo a realizar C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 3º BIMEST... Página 2 de 2

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

0,00 0,00

PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Exercício em referência

10º Exercício

20º Exercício

% em relação a meta (b/a)

Resultado nominal

0,00

1.211,52

0,00

Resultado primário

0,00

289.310,34

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

Poder executivo

28.611,96

0,00

0,00

28.611,96

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00 1.000,00

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS Poder executivo

1.000,00

0,00

0,00

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

29.611,96

0,00

0,00

29.611,96

TOTAL DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 3º exercício bimestre

Valor apurado até o bimestre

Resultado apurado até o bimestre (b)

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

Poder executivo

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

% em relação a meta (b/a)

Limites constitucionais anuais

Valor apurado até o bimestre

% Mínimo a aplicar no exercício

% Aplicado até o 6º bimestre

Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 6º BIMEST... Página 2 de 2 RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL Valor apurado até o bimestre Saldo a realizar

0,00 0,00

35º Exercício

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

0,00 0,00

PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Exercício em referência

10º Exercício

0,00 0,00 20º Exercício

35º Exercício

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Receitas previdenciárias (IV)

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos

Despesas previdenciárias (V)

Receitas previdenciárias (IV)

Resultado previdenciário (IV-V)

Despesas previdenciárias (V)

RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Resultado previdenciário (IV-V)

Receita de capital resultante da alienação de ativos

RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Valor apurado até o bimestre

Receita de capital resultante da alienação de ativos Aplicação dos recursos da alienação de ativos

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

Saldo a realizar

Aplicação dos recursos da alienação de ativos

0,00

0,00

0,00

0,00

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Limites constitucionais anuais SIMPLIFICADO EXECUÇÃO DESPESAS COM AÇÕESDEMONSTRATIVO E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDEDO RELATÓRIO RESUMIDO ValorDA apurado até o ORÇAMENTÁRIA % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 3º ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL bimestre exercício bimestre MAIO A JUNHO DE 2011 Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde 0,00 15% 0,00

Valor apurado até o bimestre

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

Saldo a realizar 0,00

0,00

0,00

0,00

DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 6º exercício bimestre

ORÇAMENTOS SOCIAL DESPESAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE FISCAL E DA SEGURIDADE Valor apurado até o bimestre NOVEMBRO A DEZEMBRO DE 2011

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO Página 1 0,00 de 2 Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde 0,00 - 5º BIMEST... 15%

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RESLATÓRIO RESUMIDO - 4º BIMES... Página 1 de 2 DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP Valor apurado no exercício corrente <<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP

Valor apurado no exercício corrente

Total das despesas / RCL (%)

Total das despesas / RCL (%) LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO

GLÁUCIO CORREA

SECRETARIA EXECUTIVA

JOÃO RENATO CUSTÓDIO

CONTADOR

PRESIDENTE

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO

GLÁUCIO CORREA

SECRETARIA EXECUTIVA

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

JOÃO RENATO CUSTÓDIO

CONTADOR

PRESIDENTE

DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012 ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012 ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL JULHO A AGOSTO DE 2011 BALANÇO ORÇAMENTÁRIO

No Bimestre

Previsão atualizada da receita Receitas realizadas

Até o bimestre

Previsão inicial da receita

0,00

1.189.960,00

Previsão atualizada da receita Receitas realizadas

0,00 96.268,15

1.189.960,00 411.026,39

Déficit orçamentário

38.324,89

0,00

Saldos de exercícios anteriores

0,00

Dotação inicial

0,00

1.189.960,00

Crédito adicional

0,00

Dotação atualizada

0,00

1.189.960,00

Despesas empenhadas Despesas liquidadas

134.593,04 93.493,04

402.132,17 361.032,17

Superávit orçamentário

0,00

8.894,22

DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

No Bimestre

Despesas empenhadas Despesas liquidadas RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

Até o bimestre

134.593,04

402.132,17

93.493,04

361.032,17

437.738,94

No bimestre

Até o bimestre

1.189.960,00

0,00 349.739,52

1.189.960,00 760.765,91

0,00

0,00

Saldos de exercícios anteriores

65.000,00

Dotação inicial

0,00

1.189.960,00

0,00

1.254.960,00

Despesas empenhadas Despesas liquidadas

104.733,44 107.133,44

506.865,61 468.165,61

Superávit orçamentário

245.006,08

253.900,30

Crédito adicional

65.000,00

Dotação atualizada

DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

No Bimestre

Até o bimestre

Despesas empenhadas

104.733,44

506.865,61

Despesas liquidadas

107.133,44

468.165,61

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

No bimestre

Receita corrente líquida

Até o bimestre 349.739,52

RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Até o bimestre 96.268,15

0,00

Déficit orçamentário

Até o bimestre

No bimestre

Receita corrente líquida RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>> BALANÇO ORÇAMENTÁRIO No Bimestre

LRF, Art. 48 - Anexo XVII Previsão inicial da receita

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

SETEMBRO A OUTUBRO DE 2011

776.675,43

No bimestre

Até o bimestre

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V)

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Receitas previdenciárias (IV)

RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V) RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

Resultado apurado até o bimestre (b)

% em relação a meta (b/a)

Resultado nominal

0,00

5.241,43

0,00

Resultado primário

0,00

3.519,89

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

Resultado apurado até o bimestre (b)

% em relação a meta (b/a)

Resultado nominal

0,00

3.608,21

0,00

Resultado primário

0,00

247.546,45

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS Poder executivo

28.611,96

0,00

0,00

28.611,96

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

1.000,00

0,00

0,00

1.000,00

29.611,96

0,00

0,00

29.611,96

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS

Poder executivo

28.611,96

0,00

0,00

28.611,96

Poder executivo

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder legislativo

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS

TOTAL

Poder executivo

1.000,00

0,00

0,00

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

29.611,96

0,00

0,00

29.611,96

TOTAL

Valor apurado até o bimestre

% Mínimo a aplicar no exercício

% Aplicado até o 4º bimestre

Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL Valor apurado até o bimestre Saldo a realizar C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RESLATÓRIO RESUMIDO - 4º BIMES... Página 2 de 2

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

0,00

1.000,00

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012 Limites constitucionais anuais

DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

0,00 0,00 file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet0,00 Files... 16/04/2012

0,00 0,00

DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 5º exercício bimestre

Valor apurado até o bimestre

Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL

Valor apurado até o bimestre

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

Saldo a realizar

0,00 7.560,00

C:\PARA PUBLICAÇÃO - 2011 - CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 5º BIMEST... Página 2 de 2

0,00 0,00

PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Exercício em referência

10º Exercício

20º Exercício

0,00 (7.560,00)

35º Exercício

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Exercício em referência

10º Exercício

20º Exercício

35º Exercício

Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V)

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos

Resultado previdenciário (IV-V)

Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V)

RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Resultado previdenciário (IV-V) RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Valor apurado até o bimestre

Receita de capital resultante da alienação de ativos Aplicação dos recursos da alienação de ativos

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

Saldo a realizar 0,00

0,00

0,00

0,00

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Limites constitucionais anuais SIMPLIFICADO DA EXECUÇÃO DESPESAS COM AÇÕES DEMONSTRATIVO E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDEDO RELATÓRIO RESUMIDO Valor apurado até o ORÇAMENTÁRIA % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 4º ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL bimestre exercício bimestre JULHO A AGOSTO DE 2011 Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde 0,00 15% 0,00 LRF, Art. 48 - Anexo XVII

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP

Valor apurado até o bimestre

Saldo a realizar

Receita de capital resultante da alienação de ativos

0,00

0,00

Aplicação dos recursos da alienação de ativos

0,00

0,00

Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 5º exercício bimestre DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde 0,00 15% 0,00 ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

CIVARC- DE CONSORCIO RIO CINZAS DESPESAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS SAÚDE INTERMUNICIPAL VALE Valor DO apurado até o RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA bimestre

A OUTUBRO DE 2011 DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE SETEMBRO PPP Total das despesas / RCL LRF,(%) Art. 48 - Anexo XVII

Valor apurado no exercício corrente

<<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

Valor apurado no exercício corrente

Total das despesas / RCL (%)

LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO SECRETARIA EXECUTIVA

GLÁUCIO CORREA CONTADOR

LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO

JOÃO RENATO CUSTÓDIO

SECRETARIA EXECUTIVA

PRESIDENTE

GLÁUCIO CORREA CONTADOR

JOÃO RENATO CUSTÓDIO PRESIDENTE

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012 file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012


cmyb

TRIBUNA DO VALE Terça-feira, 17 de abril de 2012

E-mail: social@tribunadovale.com.br

FERNANDA DINIZ

Foto Valdir

15 anos No último mês a bela Estephany Cardoso Leal de Almeida completou idade mágica em Santo Antônio da Platina. Junto com seus pais, Josmar e Andréia, a aniversariante comemorou a data com muito estilo no Espaço musical Luzdelua. Parabéns! Fernanda Diniz/ TV

Parabéns O aniversariante do dia é o lindo Danilo Balduíno Diniz. O pequeno, que comemora nesta terça-feira, 17, seu 3º aninho, no município de Siqueira Campos, recebe os parabéns da mamãe Jaqueline e do papai André. Felicidades!

Reflexão Entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato. (Clarice Lispector)

H ORÓSCOPO PARA HOJE Áries Atitude sabia para hoje é cuidar da vida pessoal, sumir das vistas de quem tem poder de atacar você ou de expor seus pontos fracos. Vale meditar, se r e t i r a r, p r a t i c a r i o g a e dormir mais. No trabalho, bloqueios e demoras seguem irritando.

Gêmeos Seus atos falam mais por si do que as palavras hoje. Em caso de errar, nem tente se explicar. Vai pegar mal e o chefe não vai acreditar. Sol e Saturno sinalizam que o tempo é chegado para dar um fim em ilusões. Leve a sério sua criatividade.

Leão Setor astral de finanças está sendo bombardeado por vibrações arrevesadas, suspender negociações é prova de sabedoria e autocontrole. Coitadinhos surgem pedindo mais; releve! Reserve sua generosidade para quem merece.

Libra Você tem de entender que só depende de si mesmo dar um ponto final em uma relação que não vai pra lugar nenhum. Seja ela de negócios, amorosa ou de outra natureza, seja firme e não transgrida seus limites e suas necessidades reais.

Sagitário O clima astral está tenso, não espere muito da semana que começa. O lado bom é que certos limites ficam claros, enquanto algumas desilusões saudáveis acontecem. Em casa, principalmente. Terreno movediço. Inspiração na arte

Aquário Dias de teste rigoroso a amizades, amores e crenças. Esta semana reserva decisões pra você, o tempo está passando rápido, não se distraia. Permaneça atento a seus bens e objetos de valor hoje, há risco de perda, roubo etc.

Touro Lua, Netuno e Marte envolvem assuntos amorosos e sociais em nuvens espessas hoje. Entre a credulidade excessiva e a desconfiança generalizada você corre o risco de ter um julgamento pobre e prejudicial. Adie, espere, observe, aguarde.

Câncer Suscetível, instável, distraído e desconcentrado; canceriano, comece a semana sem exigir muito de si, pois não dará conta das demandas se forçar a barra. Hesitações se multiplicam. Erro de pontaria em decisões sobre viagens.

Virgem Semana começa delicada pra você, especialmente em assuntos relativos a sociedades, parcerias de negócios e casamento. Bom mesmo é adiar reuniões, pois há muita confusão no ar. Não critique se não for chamado a isso.

Escorpião Lá vai você começar a semana se enganando com os filhos e os amores! Seja para o bem ou para o mal, você não sabe da missa a metade. E assim, escolhas e julgamentos serão errados. Ou você vai doar demais de si, ou de menos.

Capricórnio Curiosidade mental é ótimo, instruir-se idem, aprender algo que inspire também. O que não é ótimo é acreditar em mentiras ou enganações de vizinhos, irmãos, pessoas próximas. Confusão de informações, cuidado com documentos e papeis.

Peixes Esquecimentos, distrações, ilusões prejudiciais serão a causa de confrontos com as pessoas. Procure controlar essa tendência. Cuide mais de você: a Lua em seu signo aumenta sua sensibilidade e suscetibilidade. Seja mais objetivo.

cyan magenta yellow black


B-6 Atas&Editais

TRIBUNA DO VALE

Terça-feira, 17 de abril de 2012

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA DECRETO Nº 191/12 A Prefeita Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, CONSIDERANDO, o art. 37, III da Constituição Federal; CONSIDERANDO, o Artigo 8º – Das Disposições Gerais, do Edital de Concurso nº 001/10; CONSIDERANDO, o Decreto nº 139/10 de 12 de maio de 2010, que Homologa o Resultado Final do Concurso Público nº 001/10 ; DECRETA: Art.1º - Fica PRORROGADO por 02 (dois) anos, a partir de 12 de maio de 2012, o prazo de validade do Concurso Público constante do Edital nº 001/10, de 06 de janeiro de 2010. Art.2º - Revogam-se as disposições em contrário. GABINETE DA PREFEITA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL Dr. ALÍCIO DIAS DOS REIS, em 11 de abril de 2012. MARIA ANA VICENTE GUIMARÃES POMBO Prefeita Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 030/12 A Prefeita Municipal de Santo Antônio da Platina, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei e, de conformidade com o ofício protocolado sob nº 004825/12, em 28/03/12, resolve: I – CONVOCAR o candidato abaixo relacionado, aprovado no Concurso Público Municipal, homologado através do Decreto nº 002/12, de 04 de janeiro de 2012, para comparecer na Divisão de Recursos Humanos desta Prefeitura Municipal, no prazo de 05 (cinco) dias, contados da data da publicação, como segue: RELAÇÃO DO CONVOCADO Cargo: ADVOGADO 1. CINTIA ANTUNES DE ALMEIDA DA SILVA II – O candidato convocado deverá comparecer munido dos seguintes documentos: a) Carteira de Trabalho e Previdência Social original. b) Certidão de nascimento ou casamento, conforme o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) c) Cédula de identidade (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) d) Cadastro de Pessoa Física – CPF (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) e) Diploma ou certificado de conclusão de curso emitido por Instituição reconhecida pelo MEC, na escolaridade exigida para o cargo (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) f) Prova de quitação com o Serviço Militar para os candidatos do sexo masculino, certificado de reservista ou de dispensa de incorporação (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) g) Prova de quitação com as obrigações eleitorais (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) h) Certidão de nascimento dos filhos menores de 21 anos, se for o caso (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) i) Prova de ser brasileiro e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, na forma do disposto no art. 13 do Decreto n.º 70.436, de 18 de abril de 1972. j) Uma fotografia 3x4 datada de 2011. k) Comprovante de endereço atual (fotocópia autenticada ou acompanhada do original) l) Declaração de Bens e ou Declaração de Imposto de Renda GABINETE DA PREFEITA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA / ESTADO DO PARANÁ / PAÇO MUNICIPAL DR. ALÍCIO DIAS DOS REIS, aos 12 de abril de 2012. MARIA ANA VICENTE GUIMARÃES POMBO Prefeita Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIGUÁ DECRETO N.º. 45/2012 SÚMULA: Dispõe sobre a prorrogação de prazo para pagamento da cota única e primeira parcela do IPTU do exercício de 2012. O Prefeito Municipal de Quatiguá, Estado do Paraná no uso de suas atribuições legais e, - Considerando que a arrecadação dos tributos municipais está centralizada nas agências da Caixa Econômica Federal e nos estabelecimentos lotéricos; - Considerando que em nosso município existe somente estabelecimento lotérico e que este estabelecimento não arrecada e/ou recebe tributos em valor superior a R$ 1.000,00 ( um mil reais); MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA – PARANÁ - Considerando que esta informação por não ser amplamente divulgada não é de conhecimento EXTRATO DO 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 145/2011 TOMADA DE PREÇOS de todos os contribuintes e Nº 012/2011 - Considerando que o vencimento da cota única e da 1ª parcela do IPTU/2012 deu-se no dia CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA – PARANÁ. 05/04/2012, em uma quinta feira santa em que houve somente meio expediente na Prefeitura Municipal, CONTRATADA: DAL BIANCO ENGENHARIA LTDA e que por esta razão ficou prejudicada a prestação de informações ao contribuinte sobre outras formas OBJETO: O presente Termo Aditivo tem por objeto a prorrogação do prazo de vigência do de quitar seus impostos enquadrados nesta situação, Contrato nº 145/2011 – Tomada de Preços nº 12/2011, referente ao fornecimento de materiais D E C R E T A: e mão-de-obra para a execução de um galpão para abrigo dos trabalhadores rurais, com área Artigo 1º - Fica prorrogado para o dia 20 de abril de 2012, o prazo final para pagamento da cota de 200 m², no C. R. Aparecidinho II, para o dia 22 de junho de 2012, sem implicar em aumento única ou da 1º parcela do IPTU 2012, sem os acréscimos legais, cujo valor da cota única ou da 1ª do valor inicialmente contratado. DATA: 24 de março de 2012. parcela ultrapassarem o valor de R$ 1.000,00 ( um mil reais). Artigo 2º – Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBARÁ – PARANÁ COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO contrário. PREGÃO PRESENCIAL No 17/2012 Gabinete da Prefeitura Municipal de Quatiguá, em 12 de abril de 2012 AVISO DE HOMOLOGAÇÃO ANTONIO FRANCISCO ZANINI A Prefeitura Municipal de Cambará – Estado do Paraná, no uso de suas atribuições que lhes Prefeito Municipal são conferidas pela Lei 8.666/1993 Lei Federal 10.520/2002, torna público para conhecimento PREFEITURA MUNICIPAL DE ANDIRÁ dos interessados, a classificação do Pregão Presencial para Registro de Preços n.º 17/2012 para DECRETO Nº. 6.017 DE 16 DE ABRIL DE 2012 aquisição de gás de cozinha, conforme solicitado e especificado no instrumento convocatório e JOSÉ RONALDO XAVIER, Prefeito Municipal de Andirá, Estado do Paraná, usando das anexos. Resultado homologado: ITEM No 01 1ª classificada: DETONE COMÉRCIO DE GÁS LTDA. Gabinete do Prefeito Municipal de Cambará – Estado do Paraná, 16 de abril de 2012. atribuições que lhe são conferidas por lei, JOSÉ SALIM HAGGI NETO DECRETA: PREFEITO MUNICIPAL DE CAMBARÁ Art. 1º. Fica nomeada ANELISE PORTEZAN MAITAN para exercer o cargo de PSICÓLOGA, a partir de 17 de abril de 2012. Art. 2º. Este decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. F:\CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 2º BIMESTRE-2011.HTM Página 1 de 2 Paço Municipal Bráulio Barbosa Ferraz, Município de Andirá, Estado do Paraná, em 16 de abril de 2012, 69º da Emancipação Política. JOSÉ RONALDO XAVIER Prefeito Municipal

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA DEMONSTRATIVO SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL MARÇO A ABRIL DE 2011 <<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>> BALANÇO ORÇAMENTÁRIO No Bimestre

LRF, Art. 48 - Anexo XVII

Até o bimestre

Previsão inicial da receita

0,00

1.189.960,00

Previsão atualizada da receita Receitas realizadas

0,00 93.244,84

1.189.960,00 223.652,80

Déficit orçamentário

35.436,03

0,00

Saldos de exercícios anteriores

0,00

Dotação inicial

0,00

1.189.960,00

0,00

1.189.960,00

128.680,87

184.525,91

88.954,57

144.799,61

0,00

39.126,89

Crédito adicional

0,00

Dotação atualizada Despesas empenhadas Despesas liquidadas Superávit orçamentário DESPESAS POR FUNÇÃO/SUBFUNÇÃO

No Bimestre

Despesas empenhadas Despesas liquidadas RECEITA CORRENTE LÍQUIDA - RCL

Até o bimestre 128.680,87

184.525,91

88.954,57

144.799,61

No bimestre

Receita corrente líquida

Até o bimestre 93.244,84

RECEITAS / DESPESAS DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

285.070,61

No bimestre

Até o bimestre

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V) RESULTADO NOMINAL E PRIMÁRIO

Meta fixada no anexo de metas fiscais da LDO (a)

Resultado apurado até o bimestre (b)

% em relação a meta (b/a)

Resultado nominal

0,00

(20.272,96)

0,00

Resultado primário

0,00

36.724,09

0,00

MOVIMENTAÇÃO DOS RESTOS A PAGAR

Inscrição

Cancelamento até o bimestre

Pagamento até o bimestre

Saldo

RESTOS A PAGAR PROCESSADOS Poder executivo

28.611,96

0,00

0,00

28.611,96

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder executivo

1.000,00

0,00

1.000,00

0,00

Poder legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

29.611,96

0,00

1.000,00

28.611,96

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS

TOTAL DESPESAS COM MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO - MDE

PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ Portaria Nº 084 de 09 de Abril de 2012. O Prefeito Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei. RESOLVE: I – Conceder, ao servidor LEONARDO CARLOS MARTINS JÚNIOR ocupante do Cargo de Provimento Efetivo de TÉCNICO AGRÍCOLA deste Município as férias que são de direito, pelo período de trabalho compreendido entre 2009//2010, a partir do dia 10/04/2012. II – Revoga-se as disposições em contrário. III - Registre-se e publique-se. Gabinete do Prefeito, aos 09 dias do mês de Abril do ano de 2012. IRTON OLIVEIRA MÜZEL - Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE ABATIÁ Portaria Nº 083 de 05 de Abril 2012. O Prefeito Municipal de Abatiá, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE: I – Designar, a servidora MARA CRISTINA CARVALHO AUGUSTO, portadora do CPF nº 899.194.839-15, ocupante do Cargo de Provimento em Comissão de Secretária Municipal de Saúde Pública, para proceder o recebimento do objeto constante do PREGÃO PRESENCIAL Nº 006/2012, de acordo com o anexo I do presente edital de licitação. II - Revoga-se as disposições em contrário. III - Registre-se e publique-se. Gabinete do Prefeito, aos 05 dias do mês de Abril ano de 2012. IRTON OLIVEIRA MÜZEL - Prefeito Municipal

Limites constitucionais anuais % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 2º exercício bimestre

Valor apurado até o bimestre

Mínimo anual de 25% dos impostos na manutenção e desenvolvimento do ensino - MDE

0,00

25% / 18%

NAN

Mínimo anual de 60% do FUNDEB na remuneração do magistério com educação infantil e ensino fundamental

0,00

60%

NAN

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESPESAS DE CAPITAL

Valor apurado até o bimestre

F:\CIVARC\RELATÓRIO RESUMIDO - 2º BIMESTRE-2011.HTM

Receita de operações de crédito Despesa de capital líquida

PROJEÇÃO ATUARIAL DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA

Saldo a realizar

0,00 140,00

Exercício em referência

10º Exercício

Página 2 de 2 20º Exercício

0,00 (140,00) 35º Exercício

Regime próprio de previdência social dos servidores públicos Receitas previdenciárias (IV) Despesas previdenciárias (V) Resultado previdenciário (IV-V) RECEITA DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DOS RECURSOS

Valor apurado até o bimestre

Saldo a realizar

Receita de capital resultante da alienação de ativos

0,00

0,00

Aplicação dos recursos da alienação de ativos

0,00

0,00

CIVARC- CONSORCIO INTERMUNICIPAL VALE DO RIO CINZAS

RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Limites constitucionais anuais DESPESAS COM AÇÕESDEMONSTRATIVO E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE Valor até oORÇAMENTÁRIA SIMPLIFICADO DO RELATÓRIO RESUMIDO DAapurado EXECUÇÃO % Mínimo a aplicar no % Aplicado até o 2º bimestre exercício bimestre ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL Despesas próprias com ações e serviços públicos de saúde LRF, Art. 48 - Anexo XVII

MARÇO A ABRIL DE 2011 <<<<< RELATÓRIO PARA SIMPLES CONFERÊNCIA >>>>>

DESPESAS DE CARÁTER CONTINUADO DERIVADAS DE PPP

0,00

15%

0,00

Valor apurado no exercício corrente

Total das despesas / RCL (%)

LARISSA RIBEIRO DA ROCHA SOUTO SECRETARIA EXECUTIVA

GLÁUCIO CORREA CONTADOR

JOÃO RENATO CUSTÓDIO PRESIDENTE

file://C:\Users\USUARIO2\AppData\Local\Microsoft\Windows\Temporary Internet Files... 16/04/2012


Jornal Tribuna do Vale