Issuu on Google+

» SELEÇÃO BRASILEIRA ENFRENTA A SUÍÇA EM AMISTOSO ÀS 15H45 • PÁGINA 16

FUNDADOR: ALUÍZIO ALVES - 1921 - 2006

Placar Série B Avaí 2X0 ASA Sport 2X1 Ceará Paraná 3X1 Boa Esporte Oeste 1X0 Paysandu América-MG 2X1 São Caetano Joinville 0X1 Palmeiras Atlético-GO 0X1 Bragantino Icasa 2X1 ABC

esportes IRANILTON MENEZES

Ano 63 • Número 122 • Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Seca reduz produção e empregos nas cerâmicas « INTERIOR » A indústria ceramista reduziu a produção devido à queda nas encomendas registradas nos últimos meses. A crise já provocou, pelo menos, 100 demissões de trabalhadores com o fechamento de oito das 40 cerâmicas de Parelhas - maior produtor de telhas do RN. As empresas que estão funcionando apontam queda de 40% na produção. “Ficamos sem água para molhar o barro e nossos clientes sem capital para reformar ou construir”, resume o empresário Francildo Silva. Fruticultura e mineração também sofrem com a estiagem. « ECONOMIA 1 E 2 »

Sem data para conclusão VLADEMIR ALEXANDRE

ABC joga mal e perde a sétima partida fora Com gols de Tadeu e Chapinha, o Icasa bateu o ABC (2 a 1), que marcou através de Gilcimar, mas foi pouco. « PÁGINA 7 »

economia ALEX RÉGIS

Fiern pede agilidade na análise das licenças Para Amaro Sales falta de agilidade e de infraestrutura emperram desenvolvimento da indústria. « ECONOMIA 4 »

colunistas Woden Madruga A União Brasileira de Escritores do Rio Grande do Norte comemora hoje 54 anos de existência. « PÁGINA 2 »

« DIA DOS PAIS » E-commerce registra 26% de aumento nas vendas

« EDUCAÇÃO » Para secretária, greve é ‘ilegal, oportunista e inconsequente’

O crescimento das vendas é aproximadamente oito vezes maior que o registrado no comércio presencial (lojas de ruas e shoppings) que ficou entre 3% e 3,7%. « ECONOMIA 3 »

Sindicato quer melhoria das escolas e convocação de concursados. Secretária Betânia Ramalho vai pedir ilegalidade da greve e anunciou corte de ponto.« PÁGINAS 10 E 11 »

« BRIGA NO MP » Possibilidade de destituição não assusta Rinaldo Reis

« INVESTIGAÇÃO » Inquéritos dos 22 homicídios da ‘Hecatombe’ vão para a Dehom

Em nota, procuradores aconselham Rinaldo Reis a “curvar-se aos ditames legais”. Denúncia de abuso de poder ao Conselho do MP ainda não tem data para análise. « PÁGINA 13 »

Ontem, dois dos quatro suspeitos de participação do grupo de extermínio da Operação Hecatombe da PF - que ainda estavam foragidos - foram detidos. « PÁGINA 12 »

« ORÇAMENTO » Tribunal de Justiça e Governo participam de audiência de conciliação no STF

Cláudio Humberto

Governo não apresentará proposta para reduzir cortes

Governo suspeita que os EUA espionaram a Petrobras e os planos para a exploração do pré-sal. « PÁGINA 4 »

faltam

302

DIAS PARA A COPA

40

TOTAL DE PÁGINAS DESTA EDIÇÃO: páginas

FALE CONOSCO: PABX: Redação:

Obra de saneamento entre a rua Cordeiro de Farias e av. Rio Branco, na Ribeira, deve se arrastar por mais duas semanas. Interdição e falta de conservação da malha viária estão deixando o local intransitável. « PÁGINA 12 »

Assinaturas: 4006-6100 Venda avulsa: 4006-6113 Comercial:

4006-6111 Classificados: 4006-6103 Circulação: 4006-6173 Reclamações:

4006-6161 4006-6103 4006-6111

SITE: www.tribunadonorte.com.br REDAÇÃO (pauta): pauta@tribunadonorte.com.br

Para a audiência de conciliação sobre os cortes nos orçamentos dos Poderes, o presidente Aderson Silvino representará o TJRN; e o Governo do Estado envia o consultor José Marcelo Costa. « PÁGINA 3 »

NO FACEBOOK

facebook.com/tribunarn

NO TWITTER

@tribunadonorte

PREÇO DESTA EDIÇÃO:

R$ 1,50


2

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Jornal de WM WODEN MADRUGA [ woden@terra.com.br ]

Letras cinquentenárias A União Brasileira de Escritores, secção do Rio Grande do Norte (UEB-RN), comemora nesta quarta-feira, 14, lua em quarto-crescente, 54 anos de existência. Fiquei sabendo por conta de um relizi que o seu presidente, o poeta Eduardo Gosson, me mandou, dando conta do lançamento do livro “Joaquim Luz – Memórias”, de José Eduardo Vilar Cunha, que acontecerá hoje à noite (a partir das 18 horas) na sede da Academia Norte-Riograndense de Letras, comemorando a data. Gosson conta as várias fases da trajetória da UEB por estas terras potiguares. Segundo ele, a ideia de sua fundação foi do jornalista, escritor e magistrado Edgar Barbosa, motivado pela Semana de Estudos Euclidianos, que se realizava no Instituto Histórico e Geográfico. Isso em agosto de 1959. No núcleo dos fundadores estavam, entre outros, além do doutor Edgar Barbosa, os escritores Manoel Rodrigues de Melo, Raimundo Nonato da Silva, Umberto Peregrino e Alvamar Furtado, mais o doutor Aldo Fernandes e o então secretário de Educação do Estado, Grimaldi Ribeiro (governo Dinarte Mariz). Por aclamação, elegeu-se uma diretoria provisória que iria cuidar dos estatutos da nova entidade e preparar a eleição de sua primeira diretoria. A diretoria provisória ficou assim: presidente, Raimundo Nonato da Silva; vice-presidente, Manoel Rodrigues de Melo; secretário, Afonso Laurentino Ramos. Três meses depois realizou-se a eleição da primeira diretoria. Foi no dia 14 de novembro. No texto de Eduardo Gosson aparece a diretoria completa: presidente, Raimundo Nonato da Silva; 1º vice, Paulo Viveiros; 2º vice, Manoel Rodrigues de Melo; 3º vice, José Saturnino de Paiva. Secretário-geral, Afonso Laurentino Ramos; 1º secretário, Berilo Wanderley; 2º secretário, Leonardo Bezerra; 1º tesoureiro, Antídio de Azevedo; 2º tesoureiro, Jaime dos G. Wanderley. Conselho Fiscal: Câmara Cascudo, Edgar Barbosa, Alvamar Furtado, Esme-

raldo Siqueira e Américo de Oliveira Costa. Vogais: Antônio Soares Filho, Vingt-um Rosado, Jurandir Barroso, Zila Mamede e Veríssimo de Melo. O mandato da diretoria pegaria o biênio 1960-1961. Conferindo os nomes dos fundadores e dos primeiros dirigentes da UEB-RN, lá se vão mais de 50 anos, constato que há um sobrevivente em plena atividade intelectual: o jornalista Afonso Laurentino Ramos. Verdade que nos últimos anos, bem mais discreto nas suas aparições. A última vez que conversamos foi na Flipipa do ano passado. Mas naqueles tempos de antanho, Afonso era um agitador (mais conspirador) cultural, ao lado de Luiz Maranhão Filho (grande figura!), à frente de um caderno literário no Diário de Natal. Mesma época que se desfrutava dos encantamentos da esquerda e surgia por estas bandas a revista Cactus, ideia de Afonso. Um dia desses repassando a revista Bando (criada por Hélio Galvão, Veríssimo de Melo, Raimundo Nonato da Silva e Manoel Rodrigues de Melo), um número de dezembro de 1959, que homenageava Euclides da Cunha, encontrei na coluna Notas & Comentários: “Iniciativa das mais louváveis é, sem dúvida, a de Afonso Laurentino Ramos, fundando a revista “Cactus”, espelho do pensamento vivo da cultura norte-rio-grandense, ajudado pelo Secretário de Educação e Cultura, Dr. Grimaldi Ribeiro.”

opinião

A gratidão da Maçonaria TICIANO DUARTE jornalista

N

a semana passada, terça feira dia 06 do corrente mês, a Loja Maçônica “Bartolomeu Fagundes” realizou uma sessão magna para comemorar o transcurso dos seus 49 anos de sua fundação. A convite de sua diretoria, tive a honra de ser o interprete dos seus filiados, falando sobre a sua história e dos maçons que ajudaram e contribuíram para a sua longa e gloriosa caminhada. Na oportunidade, houve um momento de gratidão, ao governo do estado, na pessoa da governadora Rosalba Ciarlini, dos seus auxiliares, Miguel Josino, Magna Letícia e José Marcelo que colaboraram na solução do impasse de regularização do terreno em que está construído o seu Templo, onde por mais de 30 anos funcionou uma escola de ensino fundamental, atendendo a população infantil do bairro do Tirol. As minhas palavras foram, também, de homenagem ao grande líder maçônico, Armando de Lima Fagundes, um dos seus fundadores e veneráveis, por mais de 08 anos, em diversos mandatos, quando comandou a luta pela construção da sede própria, do Templo, da Escola, que tem o nome do seu pai,

Brum

Bartolomeu Fagundes, um dos grandes expoentes da maçonaria nordestina que segurou uma bandeira primeiramente desfraldada pelo avô, o vigário Bartolomeu, o memorável sacerdote, político e maçom, que fez história pelo gesto desassombrado e autêntico, no episódio da Questão Religiosa. Este é um episódio histórico que não pode ser contado em pouco espaço de jornal e que está registrado em livros, entre os quais se destacam os do professor Antônio Fagundes e do saudoso irmão, José Coutinho Madruga. Na síntese que fiz sobre o trabalho maçônico de Armando, do bisavô, do avô, Emídio Fagundes, do pai acima mencionado, falei que maçonaria se faz com muito amor, desprendimento, renúncia, tolerância e humildade. Lembrei as palavras de Paulo, apóstolo, quando se referia ao amor verdadeiro. Dizia ele: “Ainda que eu fale a língua dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o bronze que soa, ou como o címbolo que retine. Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência, ainda que eu tenha tamanha fé ao ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei. E ainda que eu distribua todos os meus bens e ainda que eu entregue o próprio corpo para ser queima-

Ainda que eu fale a língua dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o bronze que soa, ou como o címbolo que retine"

do, se não tiver amor, nada disso me aproveitará”. E Paulo conclui seu belíssimo ensinamento ao afirmar que o amor não se alegra com a injustiça, mas se regozija com a verdade. Depois de falar sobre as figuras que fundaram a Loja Bartolomeu Fagundes e de agradecer ao trabalho dos deputados Ricardo Motta e Walter Alves na batalha pela solução da legalização do terreno onde está construída sua sede, os quais abriram as portas para que chegássemos à audiência com a governadora do estado e depois com a ajuda substancial para aprovação, na Assembleia Legislativa, do projeto de lei enviado

Cartas

[ www.rabiscosdobrum.zip.net ]

Greve (1)

Imortalidade Surge no Rio de Janeiro um movimento para fazer o cartunista e escritor Ziraldo membro da Academia Brasileira de Letras. Paralelamente há outro movimento pró-Zuenir Ventura. Li na coluna de Ancelmo Gois, de O Globo: - Leonardo Boff lançou pelo twitter a candidatura de Ziraldo para a ABL, “como uma maneira de prestigiar a literatura infanto-juvenil”. - Também pelo twitter, Paulo Coelho postou: “A ABL só tem a perder com Zuenir Ventura desistindo da candidatura. Acho que voto em branco pela primeira vez.”

Débora A professora, escritora e atriz Débora Seabra de Moura, natalense, portadora de Síndrome de Down, está nas páginas do último número da revista Pais e Filhos. Débora lançará, no começo de setembro, o seu primeiro livro “Débora conta histórias”. A apresentação é de João Ubaldo Ribeiro. Sábado, agora, 17, Natal se-

diará um Encontro sobre “Direitos das pessoas com deficiência: teoria, prática e conscientização”. Estará presente a presidente da Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down, Gecy Klauck. Serão comemorados os 30 anos da Associação Síndrome de Down do Rio Grande do Norte.

Gasolina O Palácio do Planalto já admite: vem aí um aumento do preço da gasolina. O reajuste pode chegar a 15%. Certamente vai ajudar a segurar a inflação.

Dorian Amanhã, 15, é o último dia para se ver a exposição de Dorian Gray Caldas, “Visões de Dorian Gray”, montada na Galeria Conviv’art, da UFRN. Foi aberta no dia 18 de julho, por ocasião do Simpósio Nacional de História.

Mais letras O escritor Tarcísio Gurgel é o palestrante de hoje do seminário Letras Potiguares que está acontecendo, derna de segundafeira, no Solar Bela Vista. Falará sobre a obra do poeta e fol-

clorista Deífilo Gurgel. Amanhã, encerrando a rodada, o historiador Cláudio Galvão vai abordar o tema “Luís da Câmara Cascudo, o musicista”. Começa às 19h30.

Livro Será no dia 28, na Livraria Saraiva, do Miduei, o lançamento de “Cartas dos Sertões do Seridó”, do escritor Paulo Bezerra. Tem orelhas de Carlos Newton Júnior e apresentação do poeta Sanderson Negreiros. Um senhor trio de ouro.

Grave Ouvido, no alto do Morro do Careca: “É grave, muito grave, a situação financeira do Estado do Rio Grande do Norte”.

Empresa Jornalística Tribuna do Norte Av. Tavares de Lira, 101 - Ribeira - Natal/RN CEP: 59010-200 Fone: (PABX) 4006-6100 Fax: (0xx84) 4006-6124 Endereço eletrônico: www.tribunadonorte.com.br

Diretor Presidente: Henrique Eduardo Alves Superintendente: José Roberto Cavalcanti Diretor Adm. e Operações: Ricardo Luiz de V. Alves Diretor Financeiro: Agnelo Alves Filho Diretor de Redação: Carlos Peixoto cpeditor@tribunadonorte.com.br Gerente Comercial: Eliane Rocha Gerente de Marketing: Andréia Barandas Gerente de Circulação: Thales Vilar

pelo Poder Executivo, em tempo recorde, falei sobre a união dos maçons, do seu significado para o engrandecimento do trabalho maçônico e da difusão dos seus ideais de liberdade, igualdade e fraternidade. Disse que a nossa Confederação Maçônica do Brasil, COMAB, tem na sua bandeira, estandarte uma legenda de muita significaçãoUt omnes unum sint-que todos sejam um só, como exaltação à união. A interpretação, segundo os maçonólogos, é que a vida é importante e geradora dos melhores frutos ao vivermos em união, que todos sejam um só. Relembrei o grande tribuno, Padre Vieira que ao falar sobre a união, dissera entre outras coisas que toda a Vida (ainda das coisas que não têm Vida) não é mais que uma União. Até o homem (cuja vida consiste na união de corpo e alma), com a união é homem, sem a união é cadáver. Citei o poeta, ao dizer que Armando, aos 95 anos, ainda pode evocar as lições de vida de seu pai: Sangue do meu Sangue, boca do meu pão, água que te dou mata minha sede. O mundo te espera: é tua pirâmide. Ergue a tua mão no dia magnético. Ergue a tua mão para a continência que és não só meu praça, também meu soldado. Meu filho varão”.

O empresário e o jornalista LAURENCE BITTENCOURT jornalista

O

uvi ontem numa das FMs locais uma entrevista com o ex-senador Fernando Bezerra conduzida pelo jornalista Alex Viana. Alex tem se constituído em um grande entrevistador no rádio, demonstrando não só uma empatia com o entrevistado (o que é difícil) como também sabido conduzir a entrevista com elegância e, no entanto explorando devidamente o convidado. Fazia tempo que o ex-senador Fernando Bezerra não concedia entrevista e durante a mesma deixou de forma clara que não tem mais intenção alguma em militar na politica partidária. O que é uma pena, no meu ponto de vista. Fala bem, fala fácil, e nem é dado à demagogia. Além de se mostrar ponderado e com uma clareza sobre os nossos problemas aqui do RN e do país. Enquanto foi senador pelo estado, e tal fato parece inconteste, deu provas de competência como contribuiu bastante com destinação de recursos para o nosso Rio Grande do Norte. Particularmente chamou minha atenção na entrevista quando o ex-senador disse que achava importante que na nossa poClassificados Redação Fax Venda Avulsa Assinatura Natal Reclamações Natal ASSINATURA Mensal (à vista) Semestral (à vista) Anual (à vista)

4006-6161 4006-6113 4006-6124 4006-6100 4006-6111 4006-6111 R$ 43,00 R$ 258,00 R$ 516,00

Mesmo fora da politica é bom ouvir alguém com uma linguagem diferente e mais próxima, me parece, dos anseios da população.

litica, aqui no Rio Grande do Norte, houvesse uma mexida, uma renovação, que era preciso gente nova para tocar os rumos do nosso estado a partir da próxima eleição e do próximo governo. Chegou a dizer claramente que seria bom termos alguém jovem a frente do governo, um jovem para gerir os nossos destinos e que mudasse a nossa prática de fazer politica. Apontou no turismo a nossa grande vocação desenvolvimentista, acrescentando porém, que temos feito pouco nesse sentido. O que é uma verdade, até porque o turismo requer cidade limpa (e isso uma boa prefeitura pode fazer), rede de hotéis (isso nós já temos), segurança (esse é um pro-

PREÇO DO EXEMPLAR Rio Grande do Norte 3ª a Sábado Domingo Outro Estado 3ª a Sábado Domingo

blema) e boa receptividade. A parte natural, da natureza fomos devidamente abençoados. Fernando Bezerra ao ser instigado por Alex Viana, mas sempre deixando claro que fazia tal avaliação como simples cidadão, apontou que apesar de Dilma continuar favorita nas eleições presidenciais do próximo ano, também ver problemas com a candidatura dela. Revelou que sempre a achou com potencial para gestora, a questão central era a parte politica, o que de fato a presidente tem demonstrado alguma inabilidade. Certamente sem os aportes de Lula talvez já tivesse numa situação muito pior. Fernando também vê nos nomes até o momento como possíveis adversários de Dilma, bons nomes: Aécio Neves, o governador de Pernambuco Eduardo Campos, e Marina Silva, apontando para a juventude dos mesmos vendo algo bom nisso. Fez restrições ao nome de Marina Silva que ainda segundo ele não tem experiência para gerir um país como o nosso com seus graves problemas. Mesmo fora da politica e como registrou o próprio Alex, é bom ouvir alguém com uma linguagem diferente e mais próxima, me parece, dos anseios da população.

Enquanto alimentarmos a falta de prioridade na educação pública do nosso Estado, dificilmente os governantes vão se preocupar com a questão. Professor da rede pública de ensino do RN não tem incentivo algum para seguir carreira ou até entrar no sistema. Entre os problemas, destacamos: se tem curso de pós-graduação, entra na rede percebendo como graduado, não se levando em conta os títulos que o profissional porventura tenha; se já for do quadro e obtiver um título de mestre ou doutor, por exemplo, ao invés de avanço, há retorno na progressão horizontal; o ambiente de trabalho é altamente desconfortável, sobretudo no turno vespertino em que os professores têm de suportar o forte calor; direitos conquistados não são cumpridos, como é o caso da progressão parcial. Tem professor que se aposenta na letra A. marcosasbarbosa@hotmail.com

Greve (2) Quando os professores fazem greve, a secretária de Educação vai sempre à imprensa alegar que estamos prejudicando os alunos. Pois bem. E quando faltam professores durante o ano todo e alunos chegam no quarto bimestre sem ter assistido a uma aula sequer de determinada matéria, porque a Seec não chama professores suficientes para dar conta da demanda? Isso também não prejudica os estudantes? donbernal@yahoo.com

Greve (3) É tudo jogo político. Antes, professor passava 45 minutos escrevendo, trabalhava por dedicação. Hoje não escrevem nada, chegam em sala de aula e falam para os alunos. “Se virem, procurem na internet.” Não trabalham e só pensam em greve. É só um motivo para ganharem sem trabalhar. ribamar.garcia@bol.com.br

FILIADO AO

R$ 1,50 R$ 2,50

FILIADO AO INSTITUTO VERIFICADOR DE CIRCULAÇÃO

R$ 2,00 R$ 3,20

REPRESENTANTE NACIONAL – Pereira de Souza & Cia Ltda: Rio de Janeiro : (O21)2544-3070 – São Paulo: (011) 3259-6111

FILIADO À ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS

REDE CABUGI DE COMUNICAÇÃO TRIBUNA DO NORTE 4006-6100 Rádio Globo/Cabugi (AM) Natal 4006-6180 104 (FM) Parnamirim 3272-3737 Rádio Difusora de Mossoró (AM) 3316-3181/2181/3317-6167 Rádio Cabugi do Seridó (AM) J. do Seridó 3472-2759 Rádio Baixa Verde (AM)J. Câmara 3262-2498 Pereira de Souza(SP) 11/3259-6111 Pereira de Souza(RJ) 21/2544-3070


política

[ colunanotas@tribunadonorte.com.br ]

Cassação A confirmação pelo TRE/RN, na sessão de ontem, da cassação do prefeito e vice de Caiçara do Norte, pelo placar de 7 a 0, além das repercussões políticas naturais, marcou a retomada do exercício da advocacia por Artêmio Azevedo. Constituído pelo PMDB, ele voltou a dedicar tempo integral às atividades jurídicas, após ver o nome muito referendado no processo de escolha da vaga da OAB, no chamado “Quinto Constitucional”, do Tribunal de Justiça do RN.

Punição A decisão unânime, tomada pelos juízes do TRE, de cassar o prefeito de Caiçara, Alcides Fernandes Barbosa (PP), e o vice,

Victor Vinícius de Almeida, foi motivada por denúncia que envolve “captação ilícita de sufrágio”, ou seja, “compra de voto”.

Eleição

Rompimento

Com a decisão do TRE, o município de Caiçara do Norte terá uma nova eleição, com data a ser definida pela Justiça Eleitoral.

Ao anunciar o rompimento com o prefeito de Macau, Kerginaldo Pinto, o vice, Einstein Barbosa, afirmou que estava “desprestigiado”.

Nordeste entre os palestrantes os governadores Jaques Wagner (Bahia), Eduardo Campos (Pernambuco) e Ricardo Coutinho (Paraíba). A governadora destacou a construção do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante. DIVULGAÇÃO

« DIÁLOGO » O presidente do Tribunal de Justiça e o consultor geral do

Estado vão hoje à audiência de conciliação com o ministro do Supremo GERVÁSIO BAPTISTA

O

Governo do Estado e Tribunal de Justiça do RN (TJ/RN) não sinalizaram, até ontem à noite, com propostas que definissem mudanças nos cortes do orçamento estadual, tema de audiência de conciliação que ocorrerá hoje, às 16h, no Supremo Tribunal Federal (STF). O ministro Ricardo Lewandowski acatou o pedido do Executivo para uma tentativa de acordo antes de decidir sobre o pleito do TJ/RN. Os desembargadores não aceitam a redução de 10,74% nas finanças para o segundo semestre (como programou decreto da governadora) e pedem o repasse integral do orçamento de julho, até agora transferido aos cofres do Judiciário de forma incompleta. Fontes do Governo informaram à reportagem da TRIBUNA DO NORTE que houve novos estudos, mas não foi possível definir uma proposta para mudar o ajuste no orçamento. Com isso, os representantes do Executivo devem reafirmar na audiência que não há possibilidade de alterar o decreto que definiu os cortes orçamentários. O Tribunal de Justiça será representado, na audiência, pelo presidente, desembargador Aderson Silvino; o juiz auxiliar da Presidência, Fábio Filgueira; e pela secretária de Orçamento, Luciana Targino. O Governo terá como representantes o secretário de Finanças, Obery Rodrigues; o consultor-geral do Estado, José Marcelo Costa; e o procurador do Estado em Brasília, Marcondes Medeiros.

Lewandowski vai receber hoje os representantes do Executivo e Judiciário para uma audiência ADRIANO ABREU

ì PROCESSO O Tribunal de Justiça ingressou com um Mandado de Segurança no STF, no qual uma decisão de caráter liminar para impedir que o Governo deixe de reduzir em 10,74% o orçamento da instituição para o segundo semestre

AUDIÊNCIA Presidente do TJ, Aderson Silvino vai ao Supremo Tribunal ALEX RÉGIS

Crise

Diálogo O procurador-geral do Estado, Miguel Josino, esteve ontem com o presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Aderson Silvino. Eles conversaram sobre a audiência de conciliação marcada para hoje, no Supremo Tribunal Federal, em Brasília. Na audiência, representantes do TJ e do Governo vão tentar chegar a um entendimento sobre os cortes do orçamento. A governadora Rosalba Ciarlini decretou uma redução de 10% nos repasses aos Poderes, entre os quais o Judiciário, que por sua vez entrou com uma ação no STF para suspender o ajuste.

Atraso Governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos aproveitou o 1º Exame Fórum Nordeste, ontem em Recife, para demonstrar preocupação com ritmo lento nas obras da Transnordestina. Instado a opinar sobre o adiamento no leilão do trem-bala, re-

3

Governo não levará ao STF proposta para reduzir cortes

Notas & Comentários

A governadora Rosalba Ciarlini participou ontem do “1º Exame Fórum Nordeste”, promovido pela Editora Abril, em Recife (PE). O Fórum reuniu empresários e governadores. Além de Rosalba Ciarlini, também estavam

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

bateu o assunto ao manifestar o desejo de ver a ferrovia “com brevidade, a ter o ritmo que já teve no passado”. Reconheceu o esforço do Governo Federal em dialogar com as empresas, mas alfinetou que, “se não tivesse recurso para fazer tudo”, que houvesse uma “priorização”.

O procurador-geral Miguel Josino Neto orientou, de Natal, os colegas da área jurídica do Executivo. Diante do quadro de greves deflagradas no âmbito do funcionalismo público estadual, o chefe da PGE diz não poder se ausentar da cidade. “Era necessário atenção para essas questões que ocorrem aqui também”, explicou. Miguel Josino tem outro problema a resolver. A adjunta na Procuradoria, Magna Letícia, pediu para sair do cargo. “Devo nomear o procurador Marcos Pinto para o lugar dela”, acrescentou. Ele disse também que a situação financeira do Estado exigem medidas para evitar um agravamento da crise. “A situação é preta. E se o Governo afogar, afogam todos juntos. Não há condições de redução dos cortes”, alertou o procurador-geral do Estado, Miguel Josino Neto. As demandas judiciais que

O ministro relator do processo, Ricardo Lewandowski, acatou pedido do Governo para que uma audiência de conciliação fosse realizada antes de decidir sobre o pedido do TJ/RN. O encontro ocorrerá hoje, às 16h, no STF

PRÓXIMOS PASSOS Se não houver acordo, caberá ao ministro do STF decidir sobre o pedido do TJ/RN. Se houver acordo, o magistrado do STF homologa os termos do entendimento

Consultor geral José Marcelo vai representar o Governo

envolvem o orçamento 2013, no que diz respeito ao TJ/RN e Ministério Público, estão em trâmite no Tribunal de Justiça (ação do MPE) e no Supremo (ação do TJ/RN). Na última sexta-feira, 9, o MPE pediu o bloqueio das contas do Estado para que o duodé-

cimo da instituição fosse repassado integralmente. O Governo já havia sido notificado da decisão da desembargadora Zeneide Bezerra, uma semana antes, para que fizesse a transferência dos valores aos promotores, mas até então não havia

cumprido. Até agora não houve recurso do Estado. No caso do Mandado de Segurança do Tribunal de Justiça no âmbito do Supremo Tribunal Federal, a informação que se tem é que o Governo sugerirá elevar o corte – de 10,74% para 14%. “É uma estratégia para que possamos pedir mais e negociar até ficar no limite definido no decreto”, disse uma fonte do Executivo estadual.

OAB quer reforma política Nós chegamos ao fundo do poço do atual sistema eleitoral” RONALDO CAIADO (GO), líder do DEM na Câmara, ao destacar a necessidade de uma reforma política.

Negociação A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, passou a tarde de ontem percorrendo as bancadas dos partidos da base governista na Câmara dos Deputados, tentando convencer os parlamentares apoiarem o texto aprovado no Senado do projeto que destina os recursos dos royalties do petróleo para Educação e

Saúde. Acompanhada de um técnico do Ministério de Minas e Energia, Ideli defendeu a posição do Planalto e mostrou preocupação com a utilização dos rendimentos do Fundo Social. O projeto de lei deve ser apreciado hoje, pelo plenário da Câmara dos Deputados.

Metrópole O prefeito Carlos Eduardo participou ontem do Seminário promovido pelo Parlamento Comum da Grande Natal, com o tema “Agenda Metropolitana”.

« LEGISLATIVO » Presidente da Câmara dos Deputados recebe a

proposta elaborada pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral J.BATISTA

A

Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) entregaram ontem — ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves e à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) — o projeto de iniciativa popular para reforma política. Apesar de ainda estar em processo de coleta de assinaturas, as entidades resolveram antecipar a entrega da proposta a fim de aprovar uma nova legislação válida para as eleições de 2014. Henrique Eduardo Alves afirmou que espera resultados da reforma política, entre os quais redução dos custos de campanha e

Henrique Eduardo recebe proposta de reforma política

fortalecimento dos partidos. Ele citou discurso de seu pai, o governador Aluízio Alves, que em

1963 criticava o sistema partidário da época por ter oito partidos, o que considerava uma “Torre de

Babel”. Atualmente, há mais de 20 partidos representados na Câmara dos Deputados. O presidente da OAB, Marcos Vinícius Furtado, disse que após a pesquisa mostrando que a população apoia majoritariamente a reforma para o próximo ano, não se pode admitir o discurso de que “não há tempo” para aprová-la. A proposta encaminhada pela OAB proíbe a doação empresarial para campanhas políticas e permite a doação individual (com teto de R$ 700). Pelo texto, o sistema proporcional é mantido e o eleitor passa a votar em dois turnos: no partido e depois no candidato a um cargo no parlamento.


4

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Cláudio Humberto [ ch@claudiohumberto.com.br - www.claudiohumberto.com.br]

Espionagem no pré-sal A área de inteligência do governo suspeita que os Estados Unidos espionaram a Petrobras e os planos brasileiros para a exploração do pré-sal. A suspeita provocou indignação da presidenta Dilma Rousseff e foi dita claramente ao embaixador norte-americano em Brasília, que negou a espionagem. O governo trabalhava apenas com a hipótese, tornada pública, de “monitoramento” de cidadãos brasileiros.

Se é impositivo, que seja naquilo que a população mais quer” MINISTRA IDELI SALVATTI (articulação) condicionando as emendas à área de Saúde

Ajuda privada

Big Brother

O governo suspeita que os EUA obtiveram planos do Brasil para o pré-sal com ajuda de empresas americanas fornecedoras da Petrobras.

A Agência de Segurança Nacional (NSA) teria espionado residentes ou pessoas em trânsito e empresas instaladas no País, incluindo estatais.

Calhamaço

Pensando bem...

Tem mais de quinhentas páginas o dossiê dos agentes do governo sobre a suposta espionagem americana no pré-sal.

...o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, nem pedir para sair pode. Tem protesto do lado de fora.

Brasileia vira um Haiti O sonho dos haitianos de uma vida melhor no Brasil se transformou em “catástrofe humanitária” em Brasileia (AC), diz o relatório da visita da ONG Conectas, no início do mês: o galpão para 200 pessoas abri-

ga 800 haitianos, com 10 banheiros e oito chuveiros, sem sabão, esgoto a céu aberto e teto de zinco, temperatura de 40 graus. Quase todos têm diarreia. A ONG acusa o Brasil de “maquiar” uma crise internacional.

Caminho de volta

Vendaval financeiro

Haitianos se dizem “enganados” na promessa de refúgio e preferem voltar ao seu miserável país, após roubados por atravessadores.

O governo do Acre diz que só recebeu R$ 2 milhões do governo federal em quase três anos, e que 40 novos haitianos chegam todo dia.

política

Dois deputados saem do PMN para aderir ao PP « TROCA DE LEGENDA » Partido Progressista receberá as filiações do

presidente da Assembleia, Ricardo Motta, e de Raimundo Fernandes DIVULGAÇÃO

O

Partido Progressista no Rio Grande do Norte ganhará dois deputados estaduais. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, e Raimundo Fernandes conseguiram a liberação do PMN, legenda pelo qual foram eleitos. Ricardo Motta desembarcará na legenda que já tem como presidente o seu filho, o vereador em Natal Rafael Motta. A chegada de Raimundo Fernandes e Ricardo Motta no PP não é surpresa. Motta há muito articulava a saída do PMN. O plano “A” seria deixar a legenda a partir da fusão do PMN com o PPS, com a criação do Mobilização Democrática, a partir do qual eles não seriam punidos por infidelidade partidária, como garante a legislação. No entanto, como naufragou a fusão dos partidos, o plano “B” de Motta foi articular a liberação do PMN, o que já foi confirmado. Depois que tiver o documento do presidente estadual do PMN, Antonio Jácome, consentindo a saída, Ricardo Motta e Raimundo Fernandes entrarão com o pedido de desfiliação por justa causa na Justiça Eleitoral. Pelo prazo da legislação eleitoral, eles precisam estar filiados ao PP até o dia 5 de outubro. O presidente estadual do PMN, deputado estadual Antonio Jácome, confirmou que irá liberar os deputados Ricardo

Ricardo Motta articula filiações de mais três deputados ao PP, além de Raimundo Fernandes

ADESÕES O PP poderá receber outros três parlamentares,além de Ricardo Motta e Raimundo Fernandes.O presidente da Assembleia Legislativa está fazendo uma articulação para deixar o PP com a maior bancada da Casa.Para isso pretende garantir a filiação dos deputados Vivaldo Costa (PR), Gilson Moura (PV) e Kelps Lima. Este último conseguiu,na semana passada,a liberação da Justiça Eleitoral para deixar o PR sem ser punido por infidelidade partidária.

Motta e Raimundo Fernandes para deixarem a legenda sem serem punidos por infidelidade partidária. “Ainda não recebi o pedido oficialmente. Mas minha posição é de que se eles estão constrangidos em permanecerem na legenda, não me sentirei confortável em mantê-los constrangidos”, disse o parlamentar. No entanto, o presidente estadual do PMN não acredita que a saída dos dois parlamentares poderá comprometer o partido para o pleito de 2014. “Se isso (a saída de Ricardo Motta e Raimundo Fernandes) ocorrer mesmo, vamos preparar uma nomiNICOLAS GOMES

Cenários para 2014

A

seria oferecida ao atual vice, Michel Temer, disputar o Senado ou o governo paulista, com Lula e Alexandre Padilha no palanque.

Vendendo confiança Após recusar convite para visitar Campina Grande (PB) nos festejos juninos, o presidenciável tucano Aécio Neves de-

sistiu de ir a um evento do PSDB em Caruaru (PE). Até parece que é conhecido no Nordeste.

Caça quem pode Os franceses da Dassault, fabricante dos Rafale, devem ter adorado o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, dizer ao chanceler Patriota o que

Patriota já sabia: os americanos continuarão espionando o Brasil “contra o terrorismo”. A venda dos caças F-18 sumiu na estratosfera.

Adeus, brigadeiro

Causa e efeito

Às vésperas da aposentadoria, caças da FAB deram rasante na Zona Sul do Rio, no enterro do brigadeiro Rui Moreira Lima, 94, herói da 2ª Guerra na esquadrilha “Senta a Pua”, e perseguido na ditadura.

O perdão do Brasil aos 98% da dívida externa da Guiné Equatorial fez a feroz e miserável ditadura africana anunciar o crescimento de seu PIB, de 1,9% em 2010 para 4,8%, em 2012. Será? E o nosso PIB, ó...

Mesma ladainha TAM e GOL, que controlam a aviação civil, parecem dupla sertaneja afinada: alegam “prejuízo operacional” para demitir funcionários e aumentar tarifas, enquanto fazem lobby no governo Dilma por dinheiro barato do BNDES e até isenção de ICMS do querosene de aviação. Boa vizinhança O governador Beto Richa (PSDB) prepara comitiva para a posse, nesta quinta, do presidente do Paraguai, Horacio Cartes, e do vice Juan Afara. São fortes as relações entre paraguaio e o Estado do Paraná.

Pé no acelerador O ministro Aldo Rebelo (Esportes) despachou com deputados, na liderança do PMDB na Câmara, sobre a liberação de emendas parlamentares, conforme pedido da presidente Dilma Rousseff.

« TRABALHO »

Associação critica projeto de importar engenheiros

O ditador-fantasma Piada no Twitter sobre o aniversário do ditador de pijamas cubano Fidel Castro, sumido de novo: “Se estivesse vivo, faria hoje 87 anos.”

Líderes do PT atribuem o sumiço de Eduardo Campos (PSB) à retomada do seu projeto de ser vice de Lula, em 2014. Para acalmar o PMDB,

nata, assim como fizemos na campanha de Natal. Não tínhamos nenhum vereador e elegemos dois”, disse. Antonio Jácome confirmou que o partido no Estado também tem o projeto de uma candidatura a deputado federal. No entanto, ele não confirmou quem será o candidato. “O partido terá um candidato a deputado federal, pode ser o próprio Jacó (Jacó Jácome, vereador em Natal). O segmento evangélico tem nos procurado (a ele Antonio Jácome)”, ressaltou o deputado, que está no quarto mandato na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Garibaldi Filho reúne ministros e sindicalistas para discutir mudanças na Previdênica

Dilma autoriza estudo sobre fim do fator previdenciário « PREVIDÊNCIA SOCIAL » Ministros Garibaldi Filho, Gilberto Carvalho e Maria do Rosário participam de reunião com representantes das centrais

A

presidenta Dilma Rousseff autorizou o aprofundamento de estudos que viabilizem a extinção do fator previdenciário. Uma proposta já foi desenhada e está sendo debatida no âmbito do Governo Federal. A informação foi transmitida pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, em reunião com as centrais sindicais, o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, e a ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário. “A proposta está madura, bem adiantada e um acordo está próximo. Não temos ainda como bater o martelo porque essa não é uma discussão tranquila nem dentro do próprio governo. A presidenta Dilma dará a palavra final”, afirmou o ministro Gilberto Carvalho.

No próximo encontro vamos discutir a criação de um índice nacional de preços para os idosos e alterações no Conselho de Seguridade Social” GARIBALDI FILHO Ministro da Previdência

O segundo ponto discutido na reunião, realizada no edifíciosede do Ministério da Previdência Social, foi a criação de uma estrutura de governo com a missão de centralizar as políticas públicas direcionadas aos idosos.

Na reunião anterior (realizada no início de julho) foi sugerida a possibilidade de estruturar a Coordenação Geral dos Direitos do Idoso, ligada à Secretaria de Direitos Humanos, para receber a tarefa. A ministra Maria do Rosário não se opôs à ideia, mas os representantes das centrais preferiram pleitear a criação de uma estrutura independente. Ficou acertado que as centrais se reunirão e definirão uma proposta conjunta para a criação dessa nova estrutura. Ela será apresentada na próxima reunião com o governo, convocada pelo ministro da Previdência Social para o dia 12 de setembro, às 15 horas. “Nesse próximo encontro também deveremos discutir a criação de um índice nacional de preços para os idosos e alterações no Conselho de Seguridade Social”, antecipou Garibaldi Alves Filho.

Federação Nacional dos Engenheiros divulgou nota contra a ideia em análise pela presidente Dilma Rousseff de importar profissionais de engenharia do exterior para trabalhar no Brasil, assim como fará no programa Mais Médicos, conforme revelou o jornal O Estado de S. Paulo no último domingo. Em nota, o presidente da instituição, Murilo Celso de Campos Pinheiro, chama a eventual medida de “paliativa” e propõe a abertura de concursos públicos para empregar engenheiros brasileiros País afora, respeitando o piso salarial, que hoje é em torno de R$ 6 mil. “É preciso recuperar esse prejuízo, lançando mão de todas as possibilidades: tanto requalificar os profissionais disponíveis, mas à margem do mercado, quanto garantir que mais jovens ingressem nos cursos voltados às áreas tecnológicas, assegurando a formação de qualidade”, complementa Pinheiro. Esse tipo de reação, assim como aconteceu com os médicos contrários à vinda de profissionais de fora, é vista dentro do governo como uma resposta corporativa da categoria, para promover uma reserva de mercado. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, diz reconhecer a necessidade de formar mais e melhores engenheiros. “Por isso estamos investindo tanto no programa Ciência Sem Fronteira (que dá bolsas de estudo no exterior), e também trabalhamos para estimular que os estudantes optem pela área das ciências exatas, hoje carente no ocidente de um modo geral”.


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

geral

JOÃO MARIA ALVES

Fornecedor quer apoio da AL para cobrar do Governo

M

luta de pequenos credores e pede apoio aos deputados estaduais para pressionar Rosalba

A

os micro e pequenos empresários que geram cerca de 20 mil empregos diretos em todo o Estado. “Hoje a dívida já esta no patamar de R$ 20 milhões com 80 empresas, as micro e pequenas empresas representam 96% dos empregos diretos e também precisam honrar seus compromissos”, frisou. No balanço divulgado pela própria Associação Comercial, o maior débito ficou com os fornecedores de alimentos, que aguardam receber do Governo mais de R$ 7 milhões. Durante a reunião, alguns empresários relataram um drama ainda maior. Além de acumularem créditos com o Executivo estadual, eles ainda tiveram de arcar com os custos de impostos das notas fiscais emitidas e não quitadas pelo Governo. “O pior de tudo isso é que a gente ganha a licitação, presta o serviço , emite nota, paga o imposto e o governo não cumpre a parte dele”, desabafou o empresário Anchieta Júnior. Durante a reunião promovida na manhã de ontem pela Associação Comercial do Rio Grande do Norte, em sua sede, no bairro da Ribeira, alguns empresários trouxeram declarações que soaram como desabafo. Um deles chegou a relatar que tem uma dívida bancária de R$ 100 mil, resultado de empréstimos bancários feitos para quitar os impostos adquiridos a partir das notas fiscais emitidas para a Polícia Militar.

Dívidas do governo com pequenos fornecedores chegam a R$ 20 milhões, dizem empresários

Rosalba participa de fórum de turismo Um dos principais destinos turísticos do Brasil, o Rio Grande do Norte e suas potencialidades econômicas foram tema da apresentação da governadora Rosalba Ciarlini durante palestra proferida no 1º Exame Fórum Nordeste, evento da editora Abril, realizado ontem no Recife (PE). O evento reuniu executivos, empresários e autoridades que comprovaram as oportunidades surgidas no Nordeste, que na última década teve uma alta no Produto Interno Bruto (PIB) de 60%. Durante o painel dos governadores, com participação também dos chefes do Executivo da Bahia, Jaques Wagner, de Pernambuco, Eduardo Campos, e da Paraíba, Ricardo Coutinho, a governadora mostrou as principais ações do RN para o desenvolvimento em diversas áreas. Como exemplos, Rosalba Ciarlini falou sobre o Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, primeira concessão privada feita pelo Governo Federal, fornecimento de gás com redução de impostos para indústrias instaladas no RN, potencial mineral do Estado, fruticultura irrigada, porto de Natal e

melhorias na infraestrutura de estradas para escoamento da produção. Em sua apresentação, a governadora lembrou da união da bancada do RN para concluir um dos principais equipamentos dos últimos 30 anos no Estado. O aeroporto de São Gonçalo, idealizado na década de 1970, mas que há 14 anos teve sua construção iniciada, ganhou traços de conclusão apenas no ano passado, quando licitada a construção do terminal de passageiros e assinada a ordem de serviço. “O Rio Grande do Norte está abrindo uma grande fronteira com o aeroporto de cargas e passageiros. Uma construção toda voltada para o desenvolvimento industrial, que será concluído em 2014, e que contou com a união dos nossos representantes em Brasília para consolidar essa obra. Com o aeroporto, estaremos mais próximos de todos os principais mercados mundiais como o europeu, asiático e da América do Norte”, disse a governadora. Outras obras de infraestrutura apresentadas por Rosalba Ciarlini foram a melhoria do porto de Natal, com a dragagem e

Petistas agora querem CPI « TRENSALÃO » Investigação sobre esquema denunciado pela Siemens

em licitação de transportes em SP passa a ser defendida por petistas

AG. SENADO

B

rasília (AE) - A instalação de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito para investigar supostas fraudes nas licitações realizadas pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) do Estado de São Paulo passou a ser defendida ontem por integrantes do PT no Senado. As supostas irregularidades teriam ocorrido durante a gestão do PSDB. Até a semana passada o discurso do líder do partido, senador Wellington Dias (PI), era de que era preciso ter "cautela" para a instalação de um colegiado no Congresso, composto por senadores e deputados. Contudo, após reunião, ontem, com a bancada do partido no Senado, o líder argumentou: "Dentro do PT já há uma maioria para que uma investigação dessa envergadura mereça uma participação do parlamento." Segundo ele, no encontro de ontem chegou a ser redigido uma minuta para a apresentação de um requerimento com o pedido da CPMI. O senador ressaltou, entretanto, que antes de apresentar oficialmente o pedido conversará com os demais líderes da base aliada. "Acho que na próxima semana já teremos uma definição", disse o petista. Enquanto não há um entendimento no Senado, o deputado Paulo Teixeira (PT-SP) continua coletando assinaturas para a criação da CPI na Câmara. Para que ela seja mista, com a participação dos deputados e senadores,

consequente ampliação da capacidade para receber maiores embarcações e a expansão da malha viária. Com o auxílio do Governo Federal, 300 km de novas rodovias estão sendo concluídas e 2.600 km recapeados. Entre as principais delas estão a conclusão da duplicação da BR-101 e início da duplicação da BR-304, além da retomada das obras das BR-110 e BR-226, ambas com prazo de conclusão para o final de 2013. A segurança hídrica também foi abordada pela governadora, uma vez que o Nordeste enfrentou em 2012/2013 a pior seca dos últimos 60 anos. Por isso, a instalação de mais de 700 km de adutoras no RN e a construção de barragens, barragens subterrâneas, perfuração e equipagem de poços, instalação de cisternas. “Ações como essas vão permitir criar um ambiente que, mesmo na época de seca, a população não sofra tanto com as consequências de uma estiagem como a que enfrentamos”, falou a governadora, lembrando que é possível a convivência com a seca e citou como exemplo o semi-árido potiguar, principal responsável pela exportação de fruta para o mundo.

Wellington Dias: redação de minuta para apresentação de requerimento pedindo a CPI no Senado

WELLINGTON DIAS Líder do PT no Senado

são necessárias 171 assinaturas na Câmara e 27 no Senado. O senador Wellington Dias também informou que independentemente da CPI o partido pretende chamar para prestar depoimento na Casa alguns dos envolvidos no suposto cartel. A lista dos nomes deverá ser acertada com o PT da Câmara que também pretende convocar alguns dos personagens citados nas investigações. Sobre a criação de uma CPI para investigar o suposto pagamento de comissão por um ex-funcionário da Petrobras para parlamentares do PMDB, o petista disse que ainda não vê necessidade para o pedido. "O próprio denunciante nega a forma como a

questão foi abordada. Ou tem denunciante ou não tem", disse. O suposto esquema foi denunciado pelo ex-funcionário da Petrobras João Augusto Rezende Henriques em reportagem da revista Época desta semana. De acordo com a revista, Henriques admitiu ter utilizado propina de negócios envolvendo uma refinaria na Argentina para distribuir dinheiro a campanhas de deputados do PMDB e até da presidente Dilma Rousseff em 2010. A cúpula do PMDB, assim como os petistas, negam o recebimento do dinheiro.

+

PAGINA 6

Alckmin promete processar Simens por cartel

ais um prefeito foi cassado pela Justiça Eleitoral. A unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte decidiu cassar o mandato do prefeito de Caiçara do Norte, Alcides Fernandes Barbosa (PP), e do viceprefeito Victor Vinícius de Almeida. Os dois são acusados de captação ilícita de sufrágio, conhecido popularmente como compra de voto. O prefeito e vice já haviam sido cassados em primeira instância, mas recorreram. Com a decisão, Caiçara do Norte terá uma nova eleição, com data ainda a ser marcada. Na tribuna do TRE, a sustentação oral do diretório municipal do PMDB, que promoveu a ação judicial, foi feita pelo advogado Artêmio Azevedo. A denúncia recaiu sobre o fato de que Alcides Fernandes teria promovido, durante a eleição do ano passado, a compra de votos de pescadores da região. O artifício seria promover a mudança de nível das carteiras de pescadores em troca de votos. Na denúncia foi relatado também que o irmão de Alcides, Adécio Fernandes, “ofertava emprego e doava dinheiro a determinados eleitores, em troca de votos para favorecer os representados”. Em primeira instância, o juiz eleitoral Ricardo Moura considerou que as provas apresentadas pelo diretório municipal do PMDB são consistentes. “Com esteio não só na oferta e execução de serviços de cambagens, mas também na doação de dinheiro, promessa de emprego, e ainda no perdão de dívida, à determinados eleitores, em troca de votos, restando induvidoso que tais atos, ante a consistência das provas produzidas nos autos, lamentavelmente foram praticados, com a intenção única, de obter votos”.

« CHACINA »

Polícia Civil vai ampliar linhas de investigação Relacionamento do casal de PMs com o filho será analisada por investigadores

S

Dentro do PT já há uma maioria para que uma investigação dessa envergadura mereça uma participação do parlamento"

« ELEIÇÕES »

TRE decide cassar prefeito de Caiçara do Norte

« DÍVIDAS » Associação Comercial assume

Associação Comercial do Rio Grande do Norte decidiu que fará a intermediação entre o Governo do Estado e as pequenas e microempresas que são credoras do Executivo estadual. A entidade buscará também o apoio da Assembleia Legislativa. Em mais uma reunião promovida para discutir os débitos acumulados pela administração estadual, a entidade reuniu empresários de 15 segmentos do comércio e serviços, que juntos somam um crédito com o Governo de R$ 20 milhões. O presidente da Associação Comercial, Itamar Maciel, destacou que é preciso “criar uma estratégia” para que o Executivo quite as dívidas, já que há débitos ainda de 2011. “Muitos débitos de 2011 não foram quitados ainda. É necessário criar uma estratégia para resolver esse impasse porque tem muita gente passando por necessidade”, observou. Em tom de alerta, Itamar Maciel afirmou que as dívidas acumuladas pelo Governo com os empresários poderão refletir na retração da economia potiguar. Segundo o presidente da Associação Comercial, as empresas credoras do Governo respondem por cerca de 96% dos empregos diretos no Estado e a “insolvência de algumas inevitavelmente comprometerá a economia estadual”. Segundo o presidente da ACRN, o impacto é crítico sobre

5

ão Paulo (AE) - A Polícia Civil pretende traçar um perfil do casal de policiais militares mortos a tiros em uma chacina com cinco membros da mesma família na Brasilândia, zona norte de São Paulo, na semana passada. A intenção é analisar a convivência entre o sargento das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) Luís Marcelo Pesseghini e a cabo Andréia Pesseghini, além relação dos dois com filho, Marcelo Eduardo Pesseghini, de 13 anos, o principal suspeito dos crimes até o momento. Apesar de o garoto ser apontado como o autor do crime, nenhuma hipótese de investigação foi descartada, como vingança ou crime passional. Desde o início do inquérito, a tese era de que, na madrugada do dia 05, o garoto matou a tiros o pai, a mãe, a avó e uma tia-avó. Depois, dirigiu até perto da escola onde estudava, esperou o dia amanhecer e assistiu à aula normalmente. Quando voltou para casa, teria cometido suicídio. A arma do crime foi encontrada na sua mão. Agora, a polícia quer ampliar as linhas de investigação e focar na personalidade do casal de PMs, o que inclui ouvir colegas de trabalho e amigos civis. O Instituto de Criminalística vai fazer um laudo das ligações dos

celulares dos pais de Marcelo e do restante da família. Um computador e um tablet apreendido na casa serão analisados. Até ontem, já haviam sido ouvidas 27 testemunhas. Sandra Feitosa, prima da cabo morta, acompanhou a mãe, tia da vítima, para ser ouvida no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Sandra disse que sua mãe foi convocada para dizer como os demais familiares ficaram sabendo da chacina. "A gente não consegue acreditar. Não vejo como uma criança pode ter feito isso, um jovem", afirmou na saída do DHPP. A polícia também tomou o depoimento na tarde desta terça de uma diretora do Colégio Stella Rodrigues, onde Marcelo estudava, e de um colega de classe do garoto. Segundo o delegado do caso, Itagiba Franco, as duas testemunhas compareceram ao DHPP por volta das 14h. Eles foram ouvidos até as 20h. Segundo Franco, a polícia ainda deverá procurar uma vizinha da família que disse ter visto duas pessoas - entre elas um PM fardado - na residência na tarde em que os crimes foram descobertos. O número de testemunhas pode crescer ainda mais, uma vez que o DHPP deverá chamar todos os cerca de 30 policiais que estiveram na cena do crime logo após a chacina. Para a polícia, há sinais de que o local não foi preservado corretamente. Uma das mais importantes provas para desvendar como aconteceram as cinco mortes é o laudo do exame nos corpos das vítimas.


6

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

geral

Alckmin vai processar Siemens

« HABITAÇÃO »

« TRENSALÃO » Depois de ter acesso às investigações do Cade, governador de São Paulo decide partir para o embate com petistas e anuncia processo contra multinacional

S

ão Paulo (AE) - Um dia depois de conseguir, por via judicial, o acesso às investigações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) sobre a formação de cartel de empresas fornecedoras de trens do Metrô e da CPTM, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou ontem que vai processar a multinacional alemã Siemens por formação de cartel. Apesar da decisão, os contratos em vigor da empresa com o governo serão mantidos. Segundo interlocutores do Palácio dos Bandeirantes, são quatro contratos que não podem ser cancelados pois isso atrasaria demais as obras. “Mas eles serão analisados com cuidado”, diz uma fonte próxima ao governador. Durante entrevista coletiva no Palácio, o procurador-geral do Estado, Elival da Silva Ramos, disse que o contrato não será interrompido se não houver um fato novo. “Se o contrato está sendo executado e não é um dos mencionados no processo do Cade, ele prossegue.” O governador afirmou que o processo civil contra a Siemens é o primeiro e que outras medidas podem ser tomadas. Uma delas é um processo administrativo para a declaração de inidoneidade para licitar novos contratos. Outras empresas participantes do cartel também podem ser processadas. “A Siemens é ré confessa, as outras empresas não confessaram, mas a Siemens já confessou. Ela vai indenizar centavo por centavo. As outras empresas, concluído de que elas participaram do cartel, também serão processadas”, afirmou. Além de partir para o embate judicial com a empresa, o tucano escancarou a estratégia de dividir o ônus das denúncias com o Palácio do Planalto. Alckmin citou diretamente licitações do governo federal para a compra de trens em Porto Alegre e Belo Horizonte onde apenas um concorrente teria participado.

“O consórcio (para uma cidade) tinha 93% da Alstom e 7% CAF. Na outra licitação, é o mesmo consórcio, só que invertido: 93% da CAF e 7% da Alstom”, disse Alckmin. Ele também afirmou que São Paulonãoéumcasoisoladoe“aconselhou” os colegas e adversários a esmiuçarem os contratos de mobilidade urbana. “Quero recomendar aos meus colegas governadores e ao governo federal, porque não houve cartel só em São Paulo, uma investigação rigorosa quanto a transporte e energia, para que nenhum ente federativo seja lesado por conluio entre empresas.” O governador relatou que decidiu atrasar o processo para a compra de 65 trens aberta pelo Estado em 2012 porque houve apenas um participante e o preço foi considerado alto. “Só estou mostrando a diferença, o esforço de São Paulo no sentido de fortalecer disputa. Conseguimos redução de preços de 20% a 30%”, afirmou. O Grupo Estado entrou em contato com o Ministérios das Cidades, mas a assessoria da pasta repassou a responsabilidade para a CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos) e a Transurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre). As assessorias das duas empresas não responderam até o início da noite. Ramos diz que um procedimento para declarar a companhia inidônea e impedir que ela firme contratoscomogovernoserá“aberto no seu tempo devido”. Alckmin aproveitou a coletiva para enviar conselhos para outros governadores e para o governo federal. Questionado se o governo estadual falhou na fiscalização desses contratos, o governador negou. “Conluio entre empresas no mundo inteiro não é fácil de ser identificado. O Cade, que é responsável por isso, só conseguiu com um acordo de leniência”, disse, citando o acordo da Siemens com o órgão do Ministério da Justiça.

MARCELO BRAMMER

Alckmin: primeira de uma série de medidas contra empresa alemã que tem negócios em São Paulo

Empresa evita confronto com Alckmin São Paulo (AE) - A Siemens não comentou a decisão do governo paulista de processar a empresa. Em nota, o presidente e CEO da multinacional no Brasil, Paulo Stark, afirmou que não pode se manifestar publicamente sobre as denúncias porque as investigações ainda estão em andamento. “A empresa coopera integralmente com as autoridades, manifestando-se oportunamente quando requerido e se permitido pelos órgãos competentes.” A empresa diz esperar que “o assunto seja tratado com a devida seriedade e não como instrumento para qualquer outro uso

ou interesse, e a confidencialidade inerente ao caso”. “Por isso, a Siemens vem a público refutar quaisquer acusações que não sejam baseadas em provas validadas por órgãos oficiais competentes e que denigram a imagem, seja da empresa, de governos, partidos políticos, pessoas públicas ou privadas, ou qualquer integrante da sociedade”, afirma a nota, numa repetição de discurso desde que o caso eclodiu. “Em 2007 estabelecemos um sistema de Compliance (integridade e obediência às leis) para detectar, remediar e prevenir práticas ilícitas que porventura te-

nham sido executadas, estimuladas ou toleradas por colaboradores e chefias da Siemens em qualquer lugar do mundo. Trata-se de um compromisso inegociável, que assumimos mundialmente, de eliminar tais condutas e que nos coloca na vanguarda da mudança que todos querem para a sociedade”, afirma nota. “Estamos vivendo um momento ímpar da história do País, rumo a uma sociedade mais ética, à integridade e às mudanças necessárias para que haja um legado de transparência”, conclui o texto assinado pelo CEO da empresa alemã no Brasil, Paulo Stark. ANTÔNIO CRUZ/ABR

John Kerry defende atos de espionagem

B

rasília (AE) - Cobrado tanto pela presidente Dilma Rousseff quanto pelo chanceler brasileiro, Antonio Patriota, o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, saiu ontem em defesa da “coleta de informações” promovida pela Casa Branca e disse que a medida ajudou a proteger cidadãos, inclusive brasileiros. Kerry esteve em Brasília, completando o roteiro pela América do Sul, após uma parada na Colômbia, e garantiu que o Brasil receberá as respostas que quiser sobre a intercepção de dados. “Estamos convencidos que a nossa coleta de informação ajudou a proteger a nossa nação (americana) de uma série de ameaças e que também protegeu brasileiros”, disse Kerry, ao responder à pergunta de jornalistas sobre o programa americano de espionagem, em coletiva concedida no Palácio Itamaraty. “Posso lhes prometer que o presidente Obama está determinado a fazer com que os Estados Unidos respeitem os padrões mais elevados de responsabilidade, transparência e compromisso para o desenvolvimento das nossas capacidades de nos protegermos e protegermos outros povos do mundo”, acrescentou. Em audiência

com a presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, Kerry foi novamente cobrado sobre a necessidade de esclarecer o episódio. Dilma também pediu ao secretário americano que a Casa Branca dê garantias de que os dados dos brasileiros serão protegidos de qualquer violação. Os dois também trataram da visita oficial que a presidente fará em outubro aos Estados Unidos. Glenn Greenwald, o jornalista do “The Guardian” responsável pela publicação das informações sobre o sistema de espionagem eletrônica dos EUA, disse ao Senado brasileiro ter provas de que os americanos usam a rede para obter vantagens comerciais e tecnológicas. A afirmação derruba o argumento do governo de Barack Obama de que a Agência de Segurança Nacional (NSA) usa a vigilância para proteger seus cidadãos do terrorismo. Na defensiva, o secretário afirmou aos jornalistas que os “elos crescentes entre o Brasil e os EUA são uma das parcerias essenciais do século XXI” e fez um apelo à população brasileira. “Eu peço que as pessoas fiquem focadas na importância das nossas relações bilaterais”, disse. Em um tom incisivo, o chanceler Antonio Patriota fez questão de citar a polêmica da interceptação de dados na sua fala inicial, antes mesmo da abertura de perguntas à imprensa. “Hoje enfrentamos um novo tipo de desafio em nossa relação bilateral. O desafio relaciona-

O Ministério das Cidades publicou ontem Portaria 363, que define os critérios para operar o programa Minha Casa, Minha Vida nos municípios com população até 50 mil habitantes, que serão operadas por meio do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. O investimento previsto é de R$ 4,7 bilhões para construção de 135 mil imóveis. Os municípios com população inferior a 20 mil habitantes poderão construir através do programa até 30 unidades habitacionais. Os que tiverem população entre 20 e 50 mil poderão construir até 60 moradias. Serão, no mínimo, 3% das unidades habitacionais destinadas a idosos. O valor máximo de cada imóvel será de R$ 35 mil. O beneficiário deverá arcar com 120 prestações de R$ 25,00 ou 5% da renda bruta familiar mensal.

« SÃO PAULO »

« DIPLOMACIA »

Secretário de Estado justifica medida como necessária para combater o terrorismo

Governo define regras para o Minha Casa

Sem-teto vão ocupar cargos na prefeitura São Paulo (AE) - Dos principais líderes de movimentos de sem-teto de São Paulo, dois foram nomeados em cargos comissionados da gestão do prefeito Fernando Haddad (PT). O coordenador da Frente de Luta por Moradias (FLM), Osmar Silva Borges, um dos principais líderes das invasões ocorridas no centro da capital paulista em fevereiro e outubro de 2012, virou assessor de superintendência na presidência da Companhia Metropolitana de Habitação (Cohab), com salário mensal de R$ 5.538,55.

« BANCO DE DADOS » TSE adia decisão sobre acordo com Serasa Brasília (ABr) – O Tribunal Superior Eleitoral adiou a palavra final sobre a validade do acordo que permitia repasse de dados de eleitores à empresa privada de proteção ao crédito Serasa Experian. O acerto foi anulado individualmente pela presidenta da corte, Cármen Lúcia, na última sexta-feira, mas o entendimento precisava passar pelo crivo do plenário. Ainda não há data para retomada do assunto. Embora o processo estivesse pautado para a sessão administrativa de ontem, o desfecho foi adiado a pedido dos advogados da Serasa.

« CONCURSO » MP investiga teste com saco de cimento Em reunião no Planalto, Kerry foi cobrado sobre atos de violação às liberdades individuais

O que os EUA buscam fazer é evitar que atos terroristas voltem a acontecer” JOHN KERRY Ssecretário de Estado

do às noticias de interceptação de comunicações eletrônicas e telefônicas de brasileiros. E caso as implicações desse desafio não sejam resolvidas de modo satisfatório corre-se o risco de se

projetar uma sombra de desconfiança sobre nosso trabalho”, afirmou Patriota. De acordo com o ministro, esclarecimentos estão sendo solicitados, mas eles não são um “fim em si mesmo”. “Ouvir esclarecimentos não significa aceitar o status quo”, disse Patriota. “Precisamos descontinuar práticas atentatórias da soberania e das relações de confiança e violatórias das liberdades individuais que nossos países tanto prezam.” Em seguida, Kerry afirmou que os Estados Unidos não estão “surpresos” ou “aborrecidos” com as perguntas feitas pelas autoridades brasileiras. “O Brasil merece respostas e as receberá”, disse o secretário.

“Nos últimos anos, infelizmente, um certo número de grupos pelo mundo afora visaram não só interesse americanos mas interesses do mundo livre em geral. Houve muitos atentados a bomba, muitos inocentes foram sacrificados e mortos. O que os EUA buscam fazer é evitar que essas coisas aconteçam”, reforçou. Durante a coletiva concedida a jornalistas, Patriota elogiou os esforços do governo dos Estados Unidos de promover a retomada das negociações de paz entre israelenses e palestinos. “Congratulamos os esforços que deverão levar a um processo que esperamos que, dentro de nove meses, levem a resultados”, disse o ministro.

Tambaú (AE) - O Ministério Público (MP) em Tambaú (SP) abriu ontem procedimento para investigar o concurso público realizado neste domingo, 11, pela prefeitura da cidade. Na ocasião, mulheres tiveram de participar de um teste físico no qual tinham de carregar um saco de cimento de 50 quilos por um trajeto de 60 metros. Quanto mais rápido o percurso, mais pontos somavam. Muitas participantes reclamaram da prova e algumas saíram chorando e com dores nos braços e nas costas. A promotora Patrícia Lacerda Pavani quer com a ação saber se houve ilegalidade no teste.


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

geral

7

ABC sofre a sétima derrota fora « BRASILEIRO SÉRIE B » Com uma atuação abaixo da crítica, equipe não conseguiu segurar o Icasa, que fez 2 a 1, e manteve os potiguares estacionados na zona de rebaixamento e numa situação mais difícil

IRANILTON MENEZES

S

ó conversa foi pouco para Roberto Fernandes corrigir os erros do ABC, que ontem voltou a perder como visitante por 2 a 1. Dessa vez foi para o Icasa no estádio Romeirão (CE). A equipe pagou pelos erros defensivos, bem como a inoperância ofensiva e sofreu sua sétima derrota atuando fora de Natal. O alvinegro continua estacionado na lanterna da série B, onde chegou na quarta rodada e sequer esboça algum tipo de reação para se livrar do iminente rebaixamento ao final da competição. Os potiguares retornam a campo sábado, para enfrentar o Figueirense, no Frasqueirão. Atuando como visitante, onde dos 21 pontos disputados até o início da 15ª rodada só havia conseguido conquistar um, justamente no clássico contra o América, o ABC foi para Juazeiro com a finalidade de começar a escrever uma nova história e tentar inverter a situação amplamente desfavorável. Porém, não teve muito tempo para colocar os planos traçados pelo treinador Roberto Fernandes em prática. Isso por quê, logo aos 4 minutos os donos da casa que iniciaram a partida disposto a tomar o controle da situação abriram o placar, se aproveitando de uma falha da zaga alvinegra, que marcava em linha. Isso facilitou o trabalho do centroavante Tadeu, que recebeu lançamento, ganhou de Lino e Boaventura na velocidade e, na entrada da área, acertou um belo chute para fazer 1 a 0. Mesmo com falhas e com dificuldade para armar as jogadas ofensivas, o alvinegro que mal conseguia se aproxima do gol adversário, conseguiu o empate num lance de bola parada. Tony escolhido para entrar na vaga de Erick Flores, cobrando falta, ergueu a bola na área e Gilcimar desviou para deixar tudo igual. A partida esteve muito longe de ser um bom jogo, sem muita qualidade, o Icasa passou a arriscar chutes de todas as formas, várias bolas mal assustaram o goleiro Lopes, que só defendeu um chute de Chapinha com endereço certo. As outras duas que foram na direção do gol, entraram. O segundo gol, novamente contou com a falha defensiva, Lino e Boaventura subiram numa bola, não conseguiram afastar e ela sobrou no pé de Chapinha, que bateu forte para colocar os cearenses novamente em vantagem. Contando com a ineficiência dos potiguares eles foram para o intervalo em vantagem. O segundo tempo teve um nível técnico muito baixo, a rigor só foi registrada uma chance real de gol e novamente foi do time da casa, aproveitando outra falha de defensiva alvinegra. A bola caiu nos pés do lateralesquerda Luís Otávio, na risca da pequena área. Por sorte o chute não teve a direção do gol. O ABC nada fez de produtivo.

FICHA TÉCNICA ICASA ABC João Ricardo; Neílson, Luiz Otávio, Luis Gustavo e Carlinhos; Da Silva, Gilmak, Elanardo e Chapinha (Alex William); Tadeu e Adalgísio Pitbull (Leandrinho) (Radamés). Técnico: Sidney Moraes

2 1 Lopes; Thiaguinho, Lino, Flávio Boaventura e Guto (Felipe Alves); Bileu, Edson, Geovani (Alexandre) e Jean Carioca (Pingo); Tony e Gilcimar. Técnico: Roberto Fernandes

Estádio: Romeirão (CE) Árbitro: Renan Roberto de Souza (PB) Gols: Tadeu/ICA (4’/1ºT), Gilcimar/ABC (10’/1ºT) e Chapinha/ICA (22’/1ºT) ABC: Gilcimar, aos 11 minutos do primeiro tempo

Gilcimar comemorou o fato de ter colocado o ABC novamente com chances na partida, porém as falhas do sistema defensivo acabaram com a pretensão alvinegra

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B PRIMEIRO TURNO Time 1º) Palmeiras

PG J 37 15

V 12

E 1

D 2

GP 31

GC 10

SG % 21 82,2

2º)Chapecoense 3º) Spor 4º) Paraná

32 27 26

13 15 15

10 9 7

2 0 5

1 6 3

30 28 22

12 24 11

18 82,1 4 60,0 11 57,8

5º) América-MG 6º)Boa Esporte 7º) Figueirense

25 23 22

14 15 14

7 6 7

4 5 1

3 4 6

27 15 28

20 17 24

7 59,5 -2 51,1 4 52,4

8º) Bragantino 9º) Avaí 10º) Joinville

22 22 21

15 15 15

6 6 6

4 4 3

5 5 6

16 21 26

13 20 19

3 48,9 1 48,9 7 46,7

11º) Icasa 12º) Oeste 13º) Ceará

19 19 17

15 15 15

6 5 4

1 4 5

8 6 6

19 14 18

29 -10 42,2 20 -6 42,2 20 -2 37,8

14º) Atlético-GO 15º) ASA 16º) São Caetano

16 16 16

15 15 15

5 5 4

1 1 4

9 9 7

10 15 18

20 -10 35,6 26 -11 35,6 19 -1 35,6

17º) Paysandu 18º) Guaratinguetá 19º) América-RN 20º) ABC

15 14 14 8

15 14 14 15

4 4 3 1

3 2 5 5

8 8 6 9

16 17 14 10

23 23 22 23

-7 -6 -8 -13

» 15ª RODADA

» 16ª RODADA

Avaí 2 x 0 ASA Sport 2 x 1 Ceará Paraná 3 x 1 Boa Esporte Oeste 1 x 0 Paysandu América-MG 2 x 1 São Caetano Joinville 0 x 1 Palmeiras Atlético-GO 0 x 1 Bragantino Icasa 2 x 1 ABC Guarátinguetá x Figueirense 14/8 América-RN x Chapecoense 27/8

São Caetano x Boa Esporte Avaí x Ceará Sport x Atlético-GO Oeste x Joinville América-MG x América-RN ABC x Figueirense Palmeiras x Paysandu Chapecoense x Paraná Icasa x Bragantino Guaratinguetá x ASA

33,3 33,3 33,3 17,8

Palmeiras volta a vencer e mantém a liderança O Palmeiras mostrou a força de seus reservas para atingir o décimo compromisso seguido de invencibilidade. Mendieta, substituto de Valdivia, fez aos cinco minutos da partida o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Joinville, em Santa Catarina, que mantém o Verdão na liderança da Série B do Brasileiro, agora a cinco pontos da Chapecoense, segunda colocada que tem dois jogos a menos. Titular enquanto o chileno está à disposição de sua seleção, o paraguaio deslocou seu marcador e usou o joelho para desviar escanteio cobrado por Juninho e balançar as redes aos cinco minutos. Sob chuva e frio, o time de Gilson Kleina encheu seu campo para evitar susto e ainda perdeu uma chance clara com Wesley, mas garantiu três pontos. O Palmeiras, que também não teve Alan Kardec, suspenso, soma 37 pontos e defende a sua manutenção na ponta da tabela às 16h20 (de Brasília) de sábado, quando recebe o Paysandu no Pacaembu. Já o Joinville, agora a cinco pontos da zona de acesso para a primeira divisão, visita o Oeste na sexta-feira, em Itápolis.

Goiânia Bragantino e Atlético-GO começaram a rodada em situações parecidas: no meio da tabela, sonhando com o G-4 e flertando com a zona de rebaixamento, ao mesmo tempo em que tentavam vencer suas próprias dificuldades para emplacar uma sequência positiva. NO duelo entre as equipes, melhor para os paulistas, que venceram por 1 a 0 fora de casa. O único gol do jogo foi marcado ainda no início da primeira etapa. Álvaro subiu mais alto que toda a zaga do AtléticoGO para desviar cobrança de falta de Bruno Iotti e decidir o duelo. Ao chegar à sua segunda vitória consecutiva na competição, o Massa Bruta alcançou 22 pontos e é o oitavo colocado, a quatro pontos do G-4 e a sete da degola. Já o Dragão, estacionado nos 16 pontos, é o 14º colocado. O Paysandu, primeiro da zona de rebaixamento, tem 15 pontos. Na próxima rodada, o Bragantino visita o Icasa, enquanto o Atlético-GO vai até a Ilha do Retiro tentar tirar pontos do Sport. HEULER ANDREY

Bola parada garante a vitória do Sport na Ilha No clássico entre nordestinos da rodada realizada ontem a noite pela série B, o Sport derrotou o Ceará por 2 a 1 atuando em casa mesmo tendo Rithely expulso aos 27 minutos da etapa final. Marcos Aurélio marcou em duas cobranças de falta no primeiro tempo, enquanto Lulinha diminuiu no começo do segundo. Assim, o camisa 10 do time pernambucano retifica sua grande fase. O atacante marca duas vezes em um jogo pela segunda partida consecutiva, tendo balançado a rede em duas oportunidades também na vitória por 4 a 2 sobre o ASA antes de desfalcar a equipe na derrota por 2 a 1 para o São Caetano, e chega

aos oito gols em oito jogos. Com a vitória, o Leão da Ilha chega aos 27 pontos e garante a permanência no G-4. O Vozão permanece com 17 pontos e se aproxima da zona de degola.

Oeste Jogando em casa, o Oeste teve trabalho, mas conseguiu superar o Paysandu por 1 a 0. O triunfo foi importante para o Oeste, que estava uma posição acima da zona de rebaixamento e agora respira aliviado. O único gol da partida foi marcado ainda na primeira etapa, aos 36 minutos, quando Bruno Nunes, que aproveitou sobra de escanteio e marcou.

Mendieta aproveitou a oportunidade no início do jogo e marcou

América/MG joga bem e passa pelo ASA: 2 a 1 O torcedor americano que marcou presença ontem, no estádio Independência, presenciou uma boa partida do Coelho, que apresentou um futebol de muita movimentação contra o São Caetano. A luta do América-MG no jogo foi premiada com uma vitoria por 2 a 1, reabilitando os mineiros após a derrota contra o ASA. O primeiro gol do jogo foi anotado pelo armador Rodriguinho, que recebeu passe de Vitor Hugo, puxou para a canhota, e conseguiu bater no canto esquerdo. No segundo tempo Tiago Alves ampliou o placar após contra-ataque fulminante e Wagner Carioca fez o gol de honra do Azulão. Com o resultado, o América-MG chegou aos 25 pontos, assumindo o quinto lugar na Série B e com boas chances de alcançar o G4 na próxima rodada. Na sequência da Série B do Campeonato Brasileiro, o América-MG terá novo compromisso no estádio Independência. O Coelho vai receber o xará potiguar, jogo marcado para o próximo sábado. Já o São Caetano vai duelar contra o Boa Esporte, partida marcada para o Anacleto Campanella.

Avaí Jogando em casa para pouco mais de 2 mil torcedores, o Avaí recebeu o ASA pela 15ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e ampliou a sequência invicta no torneio. Com a vitória por 2 a 0 sobre o Fantasma das Alagoas, o time treinado por Hemerson Maria chega à quarta vitória nos últimos cinco duelos. O clube catarinense saiu na frente aos 19 minutos do segundo tempo com o volante Rodrigo Thiesen e ampliou já nos acréscimos com o meia Luciano. Com o resultado, o Leão chega aos 22 pontos, voltando a sonhar com uma vaga no G-4. Já os alvinegros ficam com 16 e começam a ver a zona de rebaixamento cada vez mais perto. Na próxima rodada o Avaí encara o Ceará às 19h30 de sexta-feira. Já no sábado, e às 21 horas, o ASA visita o Guaratinguetá no estádio Dario Rodrigues Leite, no Vale do Paraíba.


8

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

geral

Sisutec tem 737 mil inscrições

« ALEMANHA »

« ENSINO TÉCNICO » Segurança do trabalho e informática são cursos mais procurados na educação profissional e tecnológica. Resultado da primeira chamada será divulgado hoje MARCELO CASAL

B

rasília (AE) - Segurança do trabalho, informática e enfermagem foram as áreas com os cursos técnicos mais procurados no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), conforme divulgado ontem pelo Ministério da Educação (MEC). Ao todo, o sistema registrou 737.229 inscrições, com um total de 383.080 inscritos para um volume de 239.792 vagas ofertadas. Para o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, a resposta dos jovens ao Sisutec foi “espetacular”. Puderam se inscrever no Sisutec os estudantes que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtiveram nota acima de zero na redação. A intenção do governo é ampliar o acesso dos jovens ao ensino profissionalizante, permitindo que, da mesma forma que nas universidades federais, os estudantes escolham as vagas que lhe interessem mesmo fora da sua cidade. O resultado da primeira chamada será divulgado nesta quarta-feira. Os cursos que apresentaram maior demanda foram os de técnico em segurança do trabalho (89.656 inscrições), em informática (71 850), em enfermagem (63.976), em logística (53.232) e em radiologia (33.051). Quando se analisa a relação de inscrições por vaga, o ranking é composto pelos cursos de técnico em processos fotográficos (67,20 inscrições por vaga), seguido por técnico em petróleo e gás (26,73), em construção naval (19,80), em óptica (17,45) e aeroportuário (14,80). “A aceitação do programa foi muito boa; a resposta dos estudantes, espetacular. O resultado do Sisutec mostra co-

Merkel lidera pesquisas de opinião pública

B

Ministro da Educação, Aloízio Mercadante apresenta dados do Sisutec e destaca interesse dos estudantes pelo programa

mo tem gente que quer estudar nesse País”, comentou Mercadante, ao apresentar levantamento da pasta. Durante o período de inscrição, o portal Sisutec teve 4.899.299 visualizações. Integram o Sisutec instituições públicas e privadas de educação profissional e tecnológica. As vagas foram preenchidas, de forma prioritária, para candidatos que cursaram o ensino médio completo em escola da rede pública ou em instituições privadas, na condição de bolsista integral. As instituições federais reservaram cotas para pretos, pardos e indígenas. A média de idade dos inscritos por região varia de 23,4 anos (Nordeste) a 24,6 (Norte).

“Fronteiras” recebe 43,6 mil bolsas Brasília (AE) – O ministro Aloízio Mercadante aproveitou a coletiva de imprensa do Sisutec para apresentar dados atualizados do programa Ciência sem Fronteiras. De julho de 2011 a agosto de 2013, foram concedidas 43.609 bolsas a maioria, graduação sanduíche (33.667 bolsas, ou 77,2% do total). Os destinos mais procurados pelos estudantes nesse período foram os Estados Unidos (9.788 bolsas), França (4.725), Canadá (4 428), Reino Unido (4.321) e Austrália (3.316). Portugal, que está temporariamente suspenso do programa, aparece em sexto, com 3.103 bolsas já concedidas. A Universidade de São Paulo

(USP) é a instituição que mais emplacou alunos no programa 2.444. É seguida pela Universidade Federal de Minas Gerais (1.630), do Rio de Janeiro (1.403), Universidade de Brasília (1.359) e a federal de Santa Catarina (1.243). “Estamos acima da meta deste ano”, avaliou Mercadante, destacando que já foram concedidas todas as bolsas previstas para 2013. Segundo o ministro, a procura é maior pelos cursos de graduação e mais baixa nos doutorados plenos, que são mais caros e prolongados. Levantamento do MEC mostra que São Paulo (9.132 bolsistas), Minas Gerais (7.391), Rio

de Janeiro (3.922), Rio Grande do Sul (3.912) e Paraná (2.901) são os Estados com o maior número de estudantes beneficiados pelo Ciência sem Fronteiras. O ministro reiterou apoio ao programa Mais Médicos, que prevê a importação de médicos estrangeiros quando as vagas não forem preenchidas por brasileiros. “Não há como suprir a demanda (apenas) com médicos brasileiros”, disse. A medida provisória que institui o Mais Médicos é contestada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), que pretende iniciar uma empreitada contra a iniciativa por meio da divulgação de panfletos.

erlim (AE) - A maioria dos alemães quer que a chanceler Angela Merkel permaneça no cargo após as eleições gerais de 22 de setembro. Pesquisa feita com 1.002 eleitores de todas as vertentes polícias, entre 8 e 9 de agosto, mostrou que cerca de 57% esperam que ela continue no poder, enquanto 39% disseram querer outra pessoa na condução do país, segundo levantamento da Forsa, encomendado pelo jornal alemão Handelsblatt. Dentre os simpatizantes do opositor Partido Verde, 45% concordaram em dar a Merkel mais quatro anos no poder, enquanto 53% preferem outro candidato. Em seu próprio partido, a União democrata-cristã (CDU), 92% apoiam Merkel como a próxima chanceler, enquanto 73% dos entrevistados ligados a seu parceiro de coalizão, o Partido Democrático Liberal (FDP), querem que ela continue no cargo. Já 59% dos operários, 63% dos funcionários públicos e 62% dos autônomos pesquisados gostariam de ter Merkel mais uma vez como chanceler. Os resultados também surpreenderam porque apenas 41% dos pesquisados concordaram com a afirmação de Merkel de que o atual governo federal é o melhor deste a unificação das duas Alemanhas, enquanto 54% discordam, segundo o jornal. Dentre os partidários dos Verdes, apenas 29% concordam com a afirmação, ante 72% dentre pessoas ligadas a seu próprio partido. O governo de Merkel conta com mais apoio dos eleitores jovens. Mais de metade dos pesquisados abaixo dos 30 anos dizem que o governo federal é o mais bemsucedido deste a reunificação.

« MERCADO »

Governo avalia pedido de reajuste de combustíveis Ministro confirma que Governo está examinando proposta da Petrobras

B

rasília (ABr) – O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse ontem que, apesar de a Petrobras ter reivindicado reajuste nos combustíveis, o governo ainda está avaliando o pedido da empresa. “Nenhum aumento de preços é bom. Não estamos dizendo que se vai atender à reivindicação da Petrobras, estamos examinando”, disse o ministro após cerimônia de abertura da Feira de Negócios de Tecnologia Brasil-China. Segundo o ministro, a Petrobras está sempre reivindicando elevação de preços porque estão defasados há muitos anos. “Há muito tempo não tem havido aumentos regulares de preço e sim episodicamente. Isso não quer dizer que se vá concordar. As solicitações são examinadas pelo Ministério da Fazenda, pelo Conselho de Administração da Petrobras e pelo Ministério de Minas e Energia”, disse. Perguntado sobre o pedido de criação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar informação veiculada,

esta semana, pela revista Época, na qual um ex-diretor da BR Distribuidora denuncia a existência de um esquema de corrupção na Petrobras para beneficiar parlamentares do PMDB, Lobão disse o partido não vai se furtar a examinar o assunto. “O instituto da CPI é um instrumento da democracia. O PMDB não vai se afastar do interesse de examinar as coisas. Nem o governo tem interesse em que questões como essa não sejam examinadas. Mas isso diz respeito à autonomia do Congresso Nacional. O ministro de Estado não tem que opinar sobre isso”, afirmou o ministro. Sobre as indicações para diretores da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que trabalha com quórum mínimo, o ministro disse que não há disputas para o cargo. “O ministro indicará à presidenta da República, que aceitará ou não, nomes para compor a diretoria da Aneel. Estamos examinando. Não há nenhuma disputa. Não há nenhuma indicação até o momento.” Quanto as transações energéticas entre Brasil e Venezuela, o ministro Lobão disse que, se o governo venezuelano procurar as autoridades brasileiras para ajudar no suprimento de energia, o Brasil vai avaliar como ajudar o país vizinho.


NO FACEBOOK

Curta e compartilhe a charge de Brum.

TEMPO HOJE

TÁBUA DE MARÉS

Máx.: 29ºC Mín.: 24º C Nublado na maior parte do tempo.

Preamar 09h23 -1.9 - 21h58 -1.9 Baixa-mar 02h51 -0.6 - 15h26 - 0.7

facebook.com/tribunarn

DEHOM FICARÁ RESPONSÁVEL PELOS CRIMES LISTADOS NA ‘HECATOMBE’, DIZ ALDAIR DA ROCHA. PÁGINA 12

NA TN ONLINE

Confira as novidades da Coluna do Consumidor.

tribunadonorte.com.br

natal Editora: Margareth Grilo [margareth@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Quarta-feira • 14 de agosto de 2013

Com greve, registro de BOs demora até 48 horas para sair

FOTOS: MAGNUS NASCIMENTO

DELEGADOS

« IMPROVISO » A DP montada no Comando-Geral da PM está distribuindo fichas para o dia seguinte. Os policiais civis já estão em greve há oito dias RAFAEL BARBOSA Repórter

A

greve da Polícia Civil tem lotado a 5ª Sessão da Polícia Militar, dentro do Quartel do Comando-Geral, em Petrópolis. Longas filas são constantes no setor, depois que uma estrutura foi improvisada para o registro de Boletins de Ocorrência, visto que as DPs não estão operando o serviço. A demanda é tanta, que é preciso pegar ficha e retornar no dia seguinte para ser atendido. Alguns chegam a esperar mais de 48 horas para registrar um BO. Foi o que aconteceu com a copeira Eliene de Melo, de 50 anos de idade. Ela mora na Cidade Esperança, na zona Oeste, onde foi assaltada no sábado passado, no momento em que ia para o traba-

lho. Na segunda-feira, 12, ela procurou a DP improvisada no quartel para registrar a ocorrência e se juntou às dezenas de pessoas que buscavam o mesmo serviço. “Ontem [segunda] peguei só a ficha e vim ser atendida hoje”, contou a copeira. Diante da alta demanda, é este o procedimento que está sendo adotado. Ontem, quando a TRIBUNA DO NORTE esteve no local, havia gente sendo atendida com fichas retiradas dois dias antes. Eliene de Melo pegou a ficha 35 e nem sabia se ia conseguir o BO. “Cheguei aqui antes das 7h e estou esperando”, reclamou. Também foi assim com o motorista de ônibus Josenildo Carlos Batista, de 36 anos. Ele foi assaltado enquanto trabalhava, no domingo. Josenildo é motorista da empresa Trampolim, da linha

Quem procura a DP montada no Quartel enfrenta longas filas

“B”, e foi abordado por uma mulher quando passava pelo trecho da avenida Bernardo Vieira próximo ao Midway Mall. Ele mora em Parnamirim, mas precisou se dirigir a Petrópolis para o registro da ocorrência. “Já perdi a hora do emprego ontem [segunda] para retirar a ficha e acredito que hoje [terça] também não dá mais tempo de ir para o trabalho”, relatou o motorista. Com a paralisação dos agentes da Polícia Civil, as delegacias de bairros têm feito somente os registros de flagrante e Boletins para liberação de cadáveres. Os policiais estão parados há oito dias cobrando melhorias salarias e de condições de trabalho.

+

PAGINAS 10 E 11 Greve dos professores entra para o terceiro dia

Eliene de Melo foi assaltada no sábado. Ontem, a copeira ainda aguardava atendimento, com a ficha 35 nas mãos. Chegou à DP, improvisada dentro do Quartel, antes das 7h, mas não tinha esperança de ser atendida antes do meio-dia

Os delegados da Polícia Civil do Rio Grande do Norte decidiram em assembleia, realizada na manhã de ontem, manter a paralisação de advertência programada para esta quinta-feira, 15. Na sexta, dia 16, a categoria irá votar se aceita ou não entrar em estado de greve. De acordo com a Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (Adepol/RN), o governo propôs uma nova reunião com a comissão de delegados na quartafeira da semana que vem. Na pauta estão a nomeação dos concursados, melhores condições de trabalho e o cumprimento das decisões judiciais que determinam a retirada de presos das delegacias do interior. Os delegados também querem a desobrigação dos delegados em fazer a custódia, exceto prazo necessário para lavrar o flagrante. Já os servidores do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) estão de greve desde a segunda. Com isso, são realizados somente os serviços de recolhimento e liberação de cadáveres.


10

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

natal

Greve paralisa 20% das escolas do RN « PROFESSORES » Para a titular da Seec, Betânia Ramalho, o movimento é “ilegal e oportunista”. O Sinte afirma

que a paralisação não tem como viés a cobrança de reajuste salarial, mas a melhoria das condições de trabalho JÚNIOR SANTOS

RICARDO ARAÚJO repórter

D

eflagrada na segunda-feira, 12, a greve dos professores da Rede Estadual de Educação entra no seu terceiro dia com adesão de 20% das instituições Estaduais de Ensino, segundo a Secretaria Estadual de Educação (Seec). No segundo dia de paralisação das atividades, alunos e professores compareceram às principais escolas da região central da capital. De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte/RN), Fátima Cardoso, somente nesta quarta-feira, 14, será possível identificar o percentual de profissionais que cruzaram os braços. Para a titular da Seec, Betânia Ramalho, o movimento é “ilegal, inconsequente e oportunista”. O Sinte afirma que a paralisação não tem como viés a cobrança de melhores salários. “A greve este ano está esvaziada. Mais de 80% das escolas não pararam. No interior, as escolas não pararam”, destacou Betânia Ramalho. Conforme esclarecido pelo Sinte/RN, a paralisação atual tem como objetivo cobrar da Secretaria melhores condições de trabalho, convocação de mais 600 professores aprovados no último concurso público e pagamento da hora-atividade, que corresponde ao tempo disponibilizado pelos profissionais ao planejamento das aulas, preenchimento dos diários de classe e correção das atividades. “A paralisação não é por questões salariais neste momento. É por qualidade de trabalho, questões de melhorias na infraestrutura das escolas”, destacou a pre-

sidente do Sinte/RN. Somente pelo último item, o Sindicato recorreu à Justiça para que esta efetue o bloqueio de R$ 17 milhões na conta única do Governo do Estado. A sentença ainda não foi proferida e o Governo do Estado apresentou defesa alegando que o valor devido pelas horas suplementares não ultrapassa os R$ 7 milhões. A secretária Betânia Ramalho confirmou, ainda, que irá ao Judiciário, através da Procuradoria Geral do Estado (PGE), com a argumentação de que a greve deflagrada pelo Sinte/RN no início desta semana é ilegal. A titular da SEEC/RN não especificou quando o processo será encaminhado ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. “A greve se instalou por um oportunismo. O Estado está fragilizado e várias categorias, algumas com mais propriedade, outras com menos, entraram em greve. O que nutre a cabeça do Sindicato é greve”, frisou. O Sindicato aponta que serão necessários mais 1.500 profissionais para o cumprimento da hora-atividade. “Nós temos uma defasagem de 600 profissionais. Mas nós iremos precisar de mais 1.500 professores para implementar e sanar a falta de profissionais, considerando até mesmo o sistema SigaEduc, além do cumprimento da hora-atividade”, enfatizou Fátima Cardoso. A discussão dos pontos de reivindicação do Sinte/RN se daria numa audiência marcada com o Governo do Estado para a manhã desta terça-feira, 13. Entretanto, a titular da SEEC/RN, Betânia Ramalho, e o secretário de Administração e Recursos Humanos, Ál-

Licitação para reforma e ampliação do Atheneu será aberta na próxima semana, com investimento da ordem de R$ 2 milhões

ì

Sinte lista problemas em várias escolas

QUEM

O Sinte/RN percorreu 43 municípios do Rio Grande do Norte e inspecionou 306 escolas estaduais, das 674 que formam a Rede Estadual de Educação entre abril e junho deste ano. Em todas elas, conforme levantamento da entidade, existem problemas estruturais e falta de professores. “Não existe um programa de recuperação de escolas e faltam professores em quase todas as disciplinas”, comentou Fátima Cardoso. Ela relembrou que o teto de duas salas de aula da Escola Estadual Barão de Mipibu, em São José de Mipibu, desabou há três meses e as obras de reparo ainda não foram concluídas. Betânia Ramalho rebateu a informação e mostrou uma planilha com o Relatório Gerencial de Obras Concluídas, a qual inclui a escola citada e

Sindicato dos Trabalhadores da Educação do RN

O QUE Deflagraram greve na rede estadual por tempo indeterminado. Paralisação entra em seu terceiro dia

ber da Nóbrega, cancelaram o encontro, de acordo com o Sindicato. Ela disse que a categoria não irá recuar mesmo com as ameaças de corte de ponto. Sobre a audiência que não foi realizada, Betânia Ramalho disse que o cancelamento partiu da Searh/RN.

o custo da obra em R$ 14.757,67. Outra instituição que sucumbe diante da falta de manutenção, conforme argumentação do Sinte/RN, é o Colégio Estadual Atheneu Norte-Riograndense, em Natal, onde estudaram figuras ilustres da política, cultura e economia potiguares. Conforme esclarecido por Betânia Ramalho, a licitação para reforma e ampliação do Atheneu será aberta na próxima semana, com obras que deverão consumir, aproximadamente, R$ 2 milhões. “A falta de manutenção dos prédios acarreta a perda de alunos. O Caic de Assú é um exemplo. O procurador-geral do Estado, Miguel Josino, assinou um Termo de Ajustamento de Conduta e confirmou que as obras seriam feitas, o que não ocorreu até hoje. Não

há crise econômica. O que há é incompetência administrativa”, detalhou Fátima Cardoso. A secretária Betânia Ramalho confirmou que a reforma da escola citada pela presidente do Sinte/RN será contemplada no cronograma programado para o restante deste ano e ao longo de 2014, ao custo de aproximadamente R$ 90 mil. O Sinte confirmou que pretende concluir a inspeção em todas as escolas da Rede Estadual do Rio Grande do Norte e encaminhar um relatório ao Ministério Público Estadual. Fátima Cardoso criticou o órgão ministerial afirmando que “o Ministério Público está sendo omisso”.

+

PAGINA 11 Betânia Ramalho detalha avanços do magistério


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

natal

11

»ENTREVISTA » BETÂNIA RAMALHO SECRETÁRIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

FOTOS: JÚNIOR SANTOS

Nós temos trabalhado como gigantes” F

irme na argumentação de que a greve deflagrada pelo Sinte/RN no início desta semana é ilegal, a secretária Estadual de Educação, Betânia Ramalho, confirmou que irá judicializar a paralisação. Ela apresentou dados relacionados às reivindicações da categoria, afirmando que a greve é desnecessária, em decorrência de todos os pontos de pauta terem sido previamente atendidos ou em fase de implementação, como as reformas das escolas, por exemplo. Ela disse que, desde 2011, já foram concedidos 76,82% de aumento aos professores, o que quase dobrou os vencimentos da categoria ativa e aposentada. Betânia Ramalho criticou a postura do Sinte/RN que recorreu à Justiça para não devolver 46 professores cedidos para atuação no Sindicato. “Todos retornarão para a sala de aula, com exceção de três. Mas eles não podem se perpetuar gestão a gestão. É uma pena que eles [o sindicato] não evoluam, para os dias atuais, para a Educação do Século XXI”, asseverou. Por quais razões, a senhora considera a greve dos professores ilegal?

A pauta fala de pontos que são meramente administrativos. Se fala de um levantamento que informa que 95% dos prédios escolares estão inadequados, impróprios para a sala de aula e a gente não concorda. Nós temos toda uma documentação das condições dos prédios escolares, temos um setor de engenharia com todo o mapeamento e isso é um dado leviano. O outro ponto, é a reivindicação de R$ 17 milhões para pagamento de horas complementares. Essas horas complementares não acontecerão dessa ordem, até porque o Sindicato não tem sistema. Nós temos um sistema de gestão de pessoal onde nós temos a distribuição de todo o corpo docente, técnico e administrativo por escola, por setor, que é o SigaEduc. A Educação enfrenta greves quase que anualmente, por quais razões?

Em 2011, quando nós chegamos aqui também com uma greve política decretada, nós não tínhamos referências alguma de quem era o corpo docente, de onde estavam lotados, as frequências vinham assinadas manualmente em papéis que não eram nem padronizados. A gente começou a tomar pé da situação, da desorganização administrativa, principalmente na gestão de pessoal. Ficou até difícil a gente saber o número exato de professores, os que estavam em sala de aula e os que estavam cedidos. Nesse período de entrada na Secretaria, tendo em vista essa dificuldade de ter informações confiáveis, a greve política foi deflagrada. Nós pedíamos ao Sindicato que poderíamos construir uma relação muito próxima para que a gente pudesse, junto ao Governo, conseguir todas as conquistas que julgássemos adequadas e necessárias. Até porque tudo estava represado: as aposentadorias, mais de três mil aposentadorias com processos acumulados; progressões verticais desde 2006, saía uma ou outra de acordo com a ingerência política; não tinha um projeto de liberação dos professores para licenças especiais; quinquênios acumulados e horas extras/complementares sem pagamento. Tinha uma desorganização administrativa muito grande. Passados mais de dois anos e meio, a Educação Estadual evoluiu?

É num contexto que a gente vai entender todo o projeto da Educação do Estado. Não é um projeto fragmentado. O sistema da Educação é todo detalhado, com todas as prioridades que estamos seguindo e, que são de conhecimento dos professores, do

Sindicato, e da própria sociedade. Eu acho que, com isso, eu respondo a indignação da Secretaria. Vendo também um item na reivindicação deles, a dos prédios escolares, eu tenho a relação de todas as obras que já foram concluídas nominalmente, de todas aquelas que estão em execução, com o custo financeiro de cada uma. Isso, em 30 meses de Governo. Imagine a dificuldade de executar qualquer obra, que depende de licitação, recursos. Nós temos trabalhado como gigantes. Nossa dedicação vai além das doze horas/dia de trabalho. Isso para responder à pauta imprópria do Sindicato, inclusive com os montantes. Nós recuperamos do Governo passado que não teve poder de execução, R$ 23 milhões, que seriam devolvidos. Eu fui ao Ministério e nos deram um crédito de confiança. A governadora não tem medido esforços para facilitar a reconstrução da Educação no Estado. Quando o Sinte/RN irá perceber isto?

Eu digo que a categoria vai agradecer à governadora por tudo o que ela fez. Em até um ano e meio de Governo nós conseguimos mais de 76% para a categoria. Foi o único Estado brasileiro a fazer isso. Numa conversa com a governadora, sobre a questão salarial na época da greve, eu mostrei três contracheques. Um de quem estava iniciando, outro de quem estava no meio da carreira e um de quem estava concluindo a carreira. Ela ficou indignada. E aí fizemos um estudo sobre o Fundeb, que é o financiamento da Educação, e vimos que daria para chegarmos ao teto máximo que seria 34%. Então, esses 34% foram fragmentados em parcelas: setembro, outubro, novembro e dezembro, com o Sindicato irredutível e com a greve judicializada. Nós não decretamos a ilegalidade da greve naquele momento porque nós estávamos chegando e tínhamos a ilusão de construirmos uma relação diferente com o Sindicato e isso nada resultou. E em relação às horas suplementares?

É outro ponto de pauta que me causa indignação, essa história das horas complementares/suplementares no montante de R$ 17 milhões. Isso não tem o menor cabimento. A Lei define o Piso Nacional, e nós estamos cumprindo. Mas também tem a parte de reorganização da hora de trabalho do professor, que é a hora-atividade. O professor tem 30 horas no contrato. Ele passa 20 horas em sala de aula, 10 horas para atividades de acompanhamento do aluno, planejamento, auto-formação ou formação em serviço. Dessas 10

horas, pelo menos cinco, ele deve estar na escola para atender família, fazer o trabalho. É muito justo para o profissional professor, que ele não esgote sua energia somente em sala de aula. Ele tem que pensar, estudar, ler e fazer um atendimento individualizado para o aluno. O que faltava para a gente completar a Lei do Piso, era a hora-atividade. Nós começamos a implantar, recentemente. Por que só agora?

Porque agora nós temos um sistema para saber a distribuição da carga horária dos professores, observando que quase 40% estavam com carga horária abaixo do piso mínimo exigido, que eram 24 horas e seis de planejamento no esquema anterior. Temos também um grupo de professores que estava acima, ministrando aulas acima da carga horária sem reclamar nada. Então, nós precisamos desse reordenamento. O reordenamento implica na hora que eu não conseguir fazer com que o professor fique 24 horas e 10 horas, eu vou comprar a carga horária do professor. E aí, a gente paga com hora suplementar. Além disso, nós fizemos um concurso que há muito o Estado não fazia. Fizemos o concurso em novembro de 2011 para 3.500 professores e pedagogos. Chamamos já 3.722 professores. Todos substituindo um aposentado para não haver mais ampliação, inchaço.

Em até um ano e meio de Governo nós conseguimos mais de 76% para a categoria. Foi o único Estado brasileiro a fazer isso”

A gestão da SEEC é acompanhada de perto pelos órgãos de controle externo. Porquê?

Para que a gente tenha a proteção do recurso público e a minha proteção, a gente está muito próximo do Ministério Público, Procuradoria, Controladoria. O Tribunal de Contas do Estado conhece o nosso trabalho e eles vêem que é uma técnica que lida com técnicos, tentando deixar a Educação num outro rumo. Quanto aos aspectos pedagógicos, eles nunca são discutidos nessas greves?

Qual foi o recado, a discussão pedagógica que a professora aposentada Fátima Cardoso falou? Falou do Ideb, o que é o Ideb? Falou dos problemas pedagógicos da escola? Não falam, me permitam. Não falam da relação entre ter uma escola toda equipada, como nós temos, e cruzar isso com o resultado. Por que tudo isso? Porque não é só aqui no Rio Grande do Norte. O Brasil tem uma rota equivocada de política pública de educação básica. O que o Estado deve aos professores?

O Estado não ajudou a construir a carreira dos professores. Nós temos, por obrigação, que construir a carreira nacional.

ì QUEM É Betânia Ramalho Leite é doutora em Educação e integra o grupo de pesquisadores do Departamento de Educação da UFRN. Pesquisadora do CNPq, exerce o cargo de presidente da Comperve na UFRN desde 2003. Assumiu a pasta da Educação em janeiro de 2011

DESAFIOS Assumiu com o compromisso de traçar uma política de ação. Um dos objetivos da gestão, segundo ela, é a elaboração e implementação do plano estadual de educação. Betânia acrescenta nessa entrevista que trabalha para a reestruturação da rede. Segundo a titular da Educação, o que faltava para completar a Lei do Piso, era a hora-atividade, que começou a ser implantada recentemente


12

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

natal

Ribeira: caos no trânsito deve persistir por pelo menos 20 dias « RIBEIRA » A previsão da Capuche é de concluir a obra da rede de esgoto até início de setembro. Motoristas reclamam dos transtornos MAGNUS NASCIMENTO

T

ubulação exposta, vazamento de esgoto, mal cheiro e uma verdadeira cratera aberta ameaçando a segurança de motoristas e pedestres. Essa é a situação no cruzamento da rua General Cordeiro de Farias com o final da avenida Rio Branco, no bairro da Ribeira. A obra de esgotamento sanitário de Condomínio Residencial da empresa Capuche - que tem 3 torres com 20 andares cada, iniciada há quase três meses, está atrasada e vem causando sérios transtornos ao trânsito. Ônibus, carros e motocicletas que vão em direção às avenidas Tavares de Lira e Duque de Caxias, têm sérias dificuldades de avançar devido aos buracos e ao lamaçal que se formou na via. A situação se agrava com o intenso fluxo de veículos, o que aumenta o risco de acidentes. O congestionamento é inevitável, nos horários de pico. Para o motorista Jadson Lima, que transita pelo local diariamente, a situação é caótica: “eu perco pelo menos vinte minutos nesse trecho para ir ao trabalho. Além disso, a situação da avenida prejudica muito os veículos, devido ao desnível ocasionado pelos buracos. De manhã há sempre discussão entre os motoristas que circulam no local”, afirma Jadson. A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) disponibilizou agentes de trânsito para auxiliar a condução do tráfego no local. Ainda assim o trânsito estava bastante complicado nesta terça-feira (13), devido à liberação dos dois senti-

Inquéritos listados na ‘Hecatombe’ vão seguir para Dehom « EXTERMÍNIO » Aldair da Rocha disse que o ideal é a Dehom centralizar as investigações, mas que PF será consultada para saber se quer receber os inquéritos EMANUEL AMARAL

O Os congestionamentos são frequentes nos horários de pico

dos da rua General Cordeiro de Farias (antes um dos sentidos estava interditado). Segundo Carlos Eugênio, inspetor da Semob, a via será novamente bloqueada até que a obra seja finalizada. “A via foi aberta devido a alguns problemas de interdição nas imediações, mas será novamente bloqueada”, adiantou. A obra de esgotamento está sendo realizada desde o dia 15 de maio e está atrasada devido às várias paralisações decorrentes da incidência de chuvas e ao rompimento de uma das tubulações da Companhia de Águas e Esgotos (Caern). O inspetor Carlos Eugênio afirmou que os trabalhos foram recentemente interrompidos devido aos buracos e à saliência em frente a Igreja Bom Jesus. “Como os buracos surgiram devido à obra, solicitamos à empresa responsável um recapeamento do asfalto, pois a

situação da via estava muito precária, comprometendo a passagem dos veículos”, disse.

Prazos Segundo a assessoria do grupo Capuche, empresa responsável pela obra, o atraso se deve a uma combinação de fatores, que vão desde o nível da água no local (que vai de acordo com a Tábua de Marés), até às constantes chuvas que atrapalham a continuidade do trabalho. “Mesmo assim esperamos concluir a obra até o início de setembro”, informou o assessor Jean Valério. Na última quinta-feira, a empreiteira Conterra [terceirizada pela Capuche] pediu a dilatação do prazo por mais 20 dias – até 27 de agosto, o que foi formalizado na “autorização de interdição de via”. Caso o prazo não seja cumprido, eles devem solicitar uma nova autorização.

s inquéritos que apuram os homicídios praticados pelo suposto grupo de extermínio desbaratado pela Polícia Federal serão encaminhado à delegacia de homicídios de Natal da Polícia Civil do RN. Atualmente, eles estão distribuídos pelas DPs distritais das regiões onde aconteceram, mas o titular da Sesed, Aldair da Rocha, sinalizou que o ideal é centralizar as apurações. Esses 26 crimes – 22 homicídios e quatro tentativas - foram denunciados na Operação Hecatombe, da PF. A ação terminou com a prisão de 18 pessoas, sendo que quatro foram liberadas na segunda-feira depois de cumprirem os cinco dias da prisão temporária. Entre os que permanecem presos, há oito policiais militares. Na tarde desta terça-feira, 13, a Polícia Federal preendeu um ex-policial militar. Ele era uma das quatro pessoas cujas prisões não foram cumpridas durante a incursão policial na madrugada do dia 6 de agosto e que estavam foragidas desde o dia em que a operação foi deflagrada. Segundo informações da assessoria de imprensa da PF, o suspeito foi detido na Zona Norte da cidade de Natal. A identidade dele não foi divulgada pela instituição. Pela manhã, um soldado reformado da Polícia Militar suspeito de participação no grupo de extermínio entregou-se à PF. Acompanhado do advogado, o policial reformado negou participação nos crimes investigados. De acordo com as investigações, ele é apontado por testemunhas como um dos líderes do bando. O PM ficará custodiado no quartel Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope), na zona Norte de Natal. As diligências seguem em curso e ainda restam dois mandados de prisão a serem cumpridos.

Investigações Aldair da Rocha confirmou que a PF ainda não solicitou in-

Aldair da Rocha diz que PF não pediu informações dos inquéritos

ì O QUE Operação Hecatombe deflagrada pela Polícia Federal no dia 6/8

O QUE Para cumprimento de 22 mandados de prisão. Até ontem, 19 pessoas foram presas e um PM reformado se entregou

formações acerca dos 22 inquéritos listados na Operação Hecatombe, que permanecem com a Polícia Civil. O secretário disse que vai se reunir com a superintendência da PF para identificar se há a necessidade de repassálos à PF. “De toda forma, é melhor que esses crimes sejam centralizados na Dehom – Delegacia Especializada de Homicídios – já que são assassinatos”, corroborou o secretário. O delegado-geral da Polícia Civil, Ricardo Sérgio Costa de Oliveira, concorda com Aldair da Rocha, apesar de dizer que vai aguardar o comunicado da Secretaria para tomar qualquer providência. “É tendência natural que

os homicídios não elucidados em até 30 dias sejam encaminhados à Especializada”, afirmou ele. No entanto, há vários assassinatos apontados nas investigações como sendo de responsabilidade do grupo que aconteceram no ano passado, e ainda assim permanecem sob investigação das delegacias locais. Nos autos consta também que uma chacina ocorrida em 2011 teria sido arquitetada e executada pelo suposto grupo de extermínio. O caso também não chegou à Dehom. A decisão da juíza Denise Léa Aquinotraz a informação de que há agentes da Polícia Civil suspeitos ligação com o grupo. Não na atuação direta das execuções, mas auxiliando nas práticas criminosas. Esses policiais estariam lotados em delegacias que têm jurisdição em lugares onde aconteceu boa parte dos assassinatos. De acordo com Coronel Araújo, comandante-geral da Polícia Militar do RN, todos os policiais da corporação que foram envolvidos na Operação Hecatombe, além de responderem criminalmente pelos crimes a eles atribuídos, vão passar por uma investigação dentro da PM, que pode culminar na expulsão, no caso dos militares ativos, ou na perda da aposentadoria, no caso dos reformados.

Força Nacional deixa de atuar no RN Três dias após membros da Força Nacional deixarem o Rio Grande do Norte, ainda não há uma previsão de quando a equipe de dois delegados, três escrivães e oito agentes retornarão ao estado. A informação foi confirmada pelo delegado geral de Polícia Civil, Ricardo Sérgio Costa de Oliveira. Segundo ele, a equipe deixou a capital potiguar por decisão do Ministério da Justiça. O MJ deslocou a equipe de 13 policiais para Goiânia, onde há uma demanda emergencial considerada prioridade pelo ministério. Sem saber quando retornam, o delegado geral garantiu que será “em breve”. Ele afirma também que “a volta depende da demanda em Goiânia”. Após

passarem mais de dois anos no Estado, foi cumprida cerca de 60% da demanda. “De uma faixa de mil inquéritos, 600 foram resolvidos, com uma média de 30 inquéritos por mês”, disse Ricardo Sérgio. Ele garantiu que, com o afastamento da equipe da Força Nacional, policiais civis darão continuidade às investigações. “Não vai haver prejuízo porque duas equipes darão continuidade para manter o ritmo ou aumentar a produtividade”, afirmou. Sobre quando essas novas equipes assumem efetivamente as atividades, o delegado geral da PC preferiu não falar em datas: “estamos em um período excepcional de greve da Polícia Ci-

vil. Parte dessas equipes já está trabalhando devido a um acompanhamento desenvolvido antes da Força Nacional deixar o RN”. O mesmo posicionamento foi tomado sobre a estimativa de quando essa meta será alcançada. “Não há como fazer uma previsão porque há inquéritos mais complexos e outros menos trabalhosos”, disse. A meta 2 consiste em identificar processos judiciais mais antigos e adotar medidas concretas para julgar todos os distribuídos até 31 de dezembro de 2007, visando reduzir o “estoque processual”. Essa meta é um dos pontos da Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp).


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

natal « ESCRAVIDÃO »

13

Procuradores cobram respeito às leis

Três empresas da fruticultura « BRIGA ADMINISTRATIVA » Acirra conflito no MPRN. Em nota, procuradores falam em “abuso do RN são alvos de poder” e afirmam que possibilidade de destituição de Rinaldo Reis não está descartada de investigação

D

e acordo com dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o Rio Grande do Norte possui, atualmente, três empresas ou empregadores acusados de promover trabalho escravo. São empresas ligadas à fruticultura nos municípios de Rio do Fogo, Alto do Rodrigues e Ceará-Mirim. O problema será discutido a partir dessa sexta-feira, no VI Congresso Internacional de Direito do Trabalho, cujo tema é “Trabalho escravo contemporâneo”. O tema também vem sendo pautado no Senado e Câmara dos Deputados. Recentemente, a relatora especial da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre formas contemporâneas de escravidão, Gulnara Shahinian, enviou uma carta aberta ao senadores defendendo a aprovação imediata da Proposta de Emenda Constitucional 57A, que prevê a expropriação de propriedades em que for flagrado trabalho escravo e sua destinação para reforma agrária ou uso social (no caso de áreas urbanas).

ì O QUE VI Congresso Internacional de Direito do Trabalho vai debater o tema “Trabalho escravo contemporâneo”

ONDE Acontece em Natal, a partir de amanhã até o dia 17, no Hotel Ocean Palace, na Via Costeira

NÚMERO

3 empresas ligadas à fruticultura nos municípios de Rio do Fogo, Alto do Rodrigues e Ceará-Mirim são acusadas de trabalho escravo

Mais conhecida como PEC do Trabalho Escravo, a medida tramita há mais dez anos no Congresso Nacional e, após idas e vindas para a Câmara dos Deputados em função de alterações, voltou ao plenário do Senado na última quarta-feira. O texto pode ser votada ainda esta semana, mas senadores da Frente Parlamentar de Agropecuária, a chamada Bancada Ruralista, condicionam sua aprovação à descaracterização do que é trabalho escravo. Em sua mensagem, a relatora manifesta preocupação com a discussão de um novo conceito e defende que o atual, detalhado no Artigo 149 do Código Penal, atende plenamente ao que está previsto nas convenções internacionais contra trabalho forçado das quais o Brasil é signatário. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) estuma que existam pelo menos 12,3 milhões de pessoas submetidas a trabalho forçado. Estudos já identificaram 122 produtos fabricados com o uso de trabalho forçado ou infantil em 58 países diferentes. O cálculo da OIT estima ainda que as empresas faturam, anualmente, 31,7 bilhões de dólares com a venda desses produtos. Em Natal, o Congresso Internacional de Direito do Trabalho contará com as presenças da juíza do Trabalho, Maria Rita Manzarra de Moura Garcia; Ministro do Tribunal Superior do Trabalho, Cláudio Mascarenhas Brandão e Ministro da Previdência, Garibaldi Alves Filho.

ROBERTO LUCENA Repórter

M

ais um capítulo na “novela sem graça” – como definiu o procuradorgeral de Justiça (PGJ), Rinaldo Reis – onde procuradores de Justiça e o próprio PGJ disputam uma briga jurídica e administrativa: ontem, através de nota encaminhada pelo procurador Anísio Marinho Neto, o Colégio de Procuradores voltou a criticar Rinaldo e orientar para que ele “se curve aos ditames legais”. Ambas as partes aguardam decisões do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) para definir os próximos passos da discussão. Em nota, procuradores falam de “abuso de poder” e afirmam que a possibilidade da destituição do cargo do PGJ não está descartada. A ameaça não preocupa Rinaldo Reis. “Não existe esse perigo”, taxou. O imbróglio entre PGJ e procuradores de Justiça tem dois motivos: criação do cargo de assistente ministerial com a extinção do cargo de assessor ministerial e proibição de substituição de servidores que estejam de férias ou afastados do serviço. O primeiro caso tem desdobramento no TJRN enquanto que a segunda questão será analisada pelo CNMP, em Brasília. Os assessores ministeriais trabalham diretamente com os procuradores. Atualmente, são 48 assessores que recebem R$ 7,5 mil por mês. O MPE abriga ainda 190 assistentes de promotorias que assessoram os promotores. Cada um recebe, mensalmente, R$ 2,6 mil. Para Rinaldo Reis, assessores de procuradores e assistentes de promotores, apesar de receberem salários distintos, realizam a mesma função. Com a justificativa de implantar a isonomia na instituição, ele quer criar o cargo de Assistente Ministerial. “O assistente ministerial recebia mais de R$ 4 mil e, assim, implantaríamos a isonomia”, alegou.

ALE3X RÉGIS

Mas os procuradores de Justiça são contra a proposta. Na nota divulgada ontem, eles reconhecem a existência de disparidade remuneratória entre os cargos comissionados e a consequente necessidade da devida correção. No entanto, diz a nota, “essa disparidade somente pode ser expurgada pelas vias constitucionais e legais. Para os procuradores, a proposta apresentada pelo PGJ de fundir os dois cargos representa “uma clara afronta ao princípio constitucional da vedação à redutibilidade vencimental”. Nos próximos dias, o Pleno do TJRN vai analisar uma liminar concedida pelo desembargador Expedito Ferreira em favor dos procuradores. O documento seria analisado hoje, mas não consta na pauta do Tribunal. A medida impede que Rinaldo Reis crie ou extingua qualquer cargo ou serviço auxiliar sem antes submeter a questão aos procuradores. “O fato de ter sido eleito para dirigir o Ministério Público do Rio Grande do Norte nos próximos dois anos não exime o Procurador-Geral de Justiça de curvar-se aos ditames legais”, diz a nota.

Destituição Há uma outra questão na queda de braço entre os membros do MPE. Segundo Anísio Marinho, o PGJ proibiu a substituição de assessores que estejam de férias ou licença médica. “Não podemos convocar substitutos. Isso é um abuso de autoridade que já está causando problemas. Os trabalhos estão andando devagar”, disse. Para interver na questão, o colegiado de procuradores representou contra o PGJ no CNMP alegando abuso de autoridade. De acordo com a Lei Orgânica e Estatuto do Ministério Público, abuso de poder é passível de algumas punições, entre elas, a destituição do cargo. Mas, segundo Anísio, essa não é a intenção inicial, embora a ideia não esteja descartada. “Se o CNMP confirmar o abuso, a destituição

Rinaldo Reis, procurador-geral de Justiça, não teme destituição e afirma não estar preocupado

ì

Entenda como funciona o MP

QUEM

Confira também as propostas de Rinaldo Reis

Procuradoria Geral do Ministério Público do Rio Grande do Norte

Estrutura Promotor de Justiça Atua na 1ª Instância ou grau, ou seja, perante os juízes de direito em cada uma das comarcas do Estado. Atualmente, há 234 promotores no Estado

O QUE Embate entre PGJ e procuradores de Justiça para evitar a extinção dos 48 cargos de Assessor ministerial

pode acontecer. Mas não é isso que queremos agora”, coloca. Rinaldo Reis disse que respeita a opinião dos colegas, mas considera a nota divulgada ontem “sem importância”. O PGJ acredita que não deve “alimentar a discussão desnecessária”. Sobre a possibilidade de destituição, foi taxativo: “Não existe esse perigo. Sempre pautei minha vida pela moralidade”, afirmou.

Procurador de Justiça Atua na 2ª Instância ou grau da Justiça, ou seja, perante o Tribunal de Justiça (desembargadores). Promovidos por merecimento e/ou antiguidade, os procuradores de Justiça são os membros do nível

mais elevado da carreira do MPE. O Rio Grande do Norte dispõe atualmente de 21 cargos de procuradores de Justiça, um deles está vago. Assessores ministeriais Trabalham diretamente com os procuradores. Atualmente, são 48 assessores que recebem R$ 7,5 mil por mês. Assistentes de promotorias O MPE abriga 190 assistentes de promotorias que assessoram os promotores. Cada um recebe, mensalmente, R$ 2,6 mil.

Motivos das divergências 1 - O chefe do MPE quer extinguir os cargos de assessores ministeriais e criar uma única função que atenderá a todos os membros. O salários dessem servidores também seriam igualados para mais de R$ 4 mil; 2 - Os assessores ministeriais que estão de férias ou afastados do serviço não estão sendo substituídos. O PGJ proibiu qualquer tipo de substituição. De acordo com o Colégio de procuradores, essa proibição atrapalha o andamento dos trabalhos nas Procuradorias.


14

natal

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

“Avisar aos secretários da Prefeitura de Mossoró que Cláudia (prefeita) é do Ceará, eles não. #paremdechiar”

« ELIANA LIMA »

Do jornalista e blogueiro Cézar Alves, no Twitter

elianalima@tribunadonorte.com.br FEÉRICO

FEÉRICO

Desafio

1 - CHÍQUIMAS...

A situação está insustentável entre o Executivo e os poderes. Não apenas o Tribunal de Justiça. Insatisfação idem na Assembléia Legislativa, que ainda não recebeu os recursos para custeio. Assim, deputados estão sem verba de gabinete, funcionários sem gratificação. Repasse que normalmente é feito até o dia 5 de cada mês.

Na Arezzo Mob Party, Sandra Boff recebe a embaixadora Paulinha Rocha Gaspar e a mãe toda orgulhosa Ariane Rocha Gaspar

Em tempo O Governo transferiu apenas o dinheiro para o pagamento da folha de pessoal, no dia 30 de julho.

2 - ...PERFUMADA Toda chíquima, Denise Gaspar prestigia a neta como embaixadora da Arezzo Mob Party

2

1

3 - HOLOFOTES JOAONETOFOTOS.COM UF

Dominado A desmedida violência em Natal chegou aos mais altos poderes do Estado. Bandidos invadiram, roubaram e humilharam.

4 - PORTARRETRATO

Caos dominado Por falar em violência, idosos na capital dos magos-desesperados estão relegados à própria sorte. Único setor que ainda funciona na Central do Cidadão do Centro, a Delegacia do Idoso recebeu ordem de despejo. Se não sair até a próxima semana, a energia será cortada. Não se sabe o que é pior: se o despejo ou a opção dada pelo Governo: ocupar salas, sem estrutura – sequer banheiro – numa outra delegacia.

E então Ministério Público?

Retrato do medo Esta semana, no município de Lagoa Nova, bandidos invadiram a delegacia e levaram todas as armas. As poucas disponíveis.

Vácuo

No tradicional almoço dos pais, a Família Versailles: Ronaldo Melo e Marília Borges com os filhos Márcio, Larissa, Vanessa, Marcelo

4 3 cessidade de continguente para cumprir demandas judiciais e destinar equipes de PC a várias Comarcas, por solicitação do Ministério Público. Se descumprir, multas pessoais, diárias, a ele, ao secretário Aldair Rocha e à governadora Rosalba, de R$ 500 a R$ 5 mil. No tempo de Fábio Rogério na DGP, ele se entendia com a Justiça, explicando que não podia descobrir um santo e cobrir outro com manto insuficiente. É saber agora como atender as demandas judiciais e as investigações.

Como a coluna publicou no dia 6, o delegado-geral Ricardo Sérgio determinou o retorno de quatro escrivães e um delegado que estavam à disposição da Força Nacional. Convênio não renovado, a retaliação. A FN mandou voltar a equipe que estava desde junho de 2011 no RN investigando homicídios praticados anterior a 2007. Para se ter ideia, nesse tempo foram concluídos 697 inquéritos.

Sem o convênio com a Secretaria Nacional de Segurança, sem investimentos federais para a PC potiguar, como armamento, veículos, etc e mais. Corre que a quebra do convênio deve resultar na perda do Brasil Mais Seguro. Assim, risco de não receber mais os cerca de R$ 4 milhões programados.

Modo

Em Alagoas, por exemplo, contrato em voga, o Estado recebeu da Senasp, semana passada,

Ricardo Sérgio justificou a ne-

Em brindes pelo sucesso do Miss RN 2013, na Pepper’s Hall, o Glam George Azevedo e as belas Miss Brasil Gabriela Markus e a Miss RN 2012, Kelly Fonseca

Desfalque

Modelo

guém menos que o governador Ricardo Coutinho, no auditório da PBTur, em João Pessoa. armamento, coletes balísticos, veículos, etc e mais.

Senhoras e Senhores Há quem enxergue muita semelhança na migração da exprefeita Micarla de Sousa da política para o rádio com a do exprefeito de Salvador Mário Kertész. Após deixar o palácio Tomé de Sousa, Kertész surpreendeu a todos ao abandonar a carreira de político e assumir, com a ajuda da marqueteira Balila Santana, o comando e os microfones de sua Rádio Metrópole.

Em tempo Balila coordenou a campanha à prefeita de Micarla, transformando-a na borboleta.

Vizinho O empresário potiguar José Walter de Carvalho vai levar sua Certa para construir unidades hoteleiras no Polo Turístico Cabo Branco. O Certificado de Regularidade Jurídica, que autoriza o início da construção, foi dado ontem pelas mãos de nin-

Aventura Cerca de 20 pilotos de moto aquática Sea-Doo, da BRP, agitaram as águas da praia da Pipa, sábado. Fizeram parte da primeira edição do Passeio Sea Doo PG Prime, que reuniu clientes da marca, organizada pela concessionária PG Prime. O ponto de partida e de chegada foi a praia de Pirangi.

Ilustração As fotos do aniversário que o saudoso Mozart Romano organizou para o genro Ricardo Faria, na página de memória assinada por Thiago Cavlacanti na Revista Bzzz, são do arquivo do colunista Jota Oliveira.

História... Do jornalista-letrado Rubinho Lemos, no Twitter: “Alô @elianalima @carlaodesouza Jornalismo é memória. Deliciosa reportagem Mansão Motta na @RevistaBzzz”.

...Memória Matéria assinada por Thiago Cavalcanti sobre a memória da família e do palacete do saudo-

so industrial João Francisco da Motta, que resiste à especulação imobiliária no berço da aristocracia natalense. Belo exemplar da arquitetura neoclássica, construído em 1952 para abrigar a família de 13 filhos, e os empregados. Destaque para móveis Chipandelle, lustres Baccarat, tapetes persas, pianos ingleses, etc.

Áureos Foi a primeira residência com piscina e elevador da capital. Recebeu personalidades como o presidente João Goulart, amigo do então deputado federal Clovis Motta, filho mais velho de João Francisco. Na ocasião, um banquete foi preparado por alunas da Escola Doméstica. Também passaram por lá Jorge Amado e Câmara Cascudo. A matéria descreve ainda festas dos blocos de elite. Mais na Revista Bzzz, que já está à venda nas maiores bancas de Natal. Mais, esta semana, no Oeste e no Seridó.

Som na caixa Atração internacional do Fest Bossa & Jazz, o aclamado guitarrista Stanley Jordan vai passar todos os dias do evento curtindo a praia da Pipa.

Malas e bagagens Em São Paulo, o contador potiguar Rui Cadete ministrará palestra na 23ª Convenção dos Profissionais da Contabilidade, promovida pelo CRC/SP. Dia 19, dividirá o painel ‘As tendências da contabilidade na sustentabilidade’ com os estudiosos de Contabilidade Ambiental Gardênia Braga e Paulo Roberto de Paiva.

« COLMEIA » à Hoje tem grito de felicidade para o

Ecocil Sílvio Bezerra, Santiago Júnior e os jornalistas Milena Martins, Zhamara Mettuza, Paulo Araújo, Leandro Lima. O Complexo Educacional Contemporâneo recebe hoje equipe da Editora Abril e Sistema Anglo de Ensino para atualizar pais e professores sobre as novas perspectivas da educação brasileira. Às 14h, tem palestra da pedagoga Maria Célia (formada pela Mackenzie (SP), estudou nos EUA e Israel a Teoria da Modificabilidade Cognitiva Estrutural (MCE), que estimula os indivíduos a desenvolver as potencialidades mentais desativadas no cérebro).

à

Metrópole digital oferece 2.400 vagas « CAPACITAÇÃO » As inscrições estão abertas até 3 de setembro pelo site da Comperve. Em Natal, serão

oferecidos cursos de Informática para a internet, Redes de computadores, Eletrônica e Automação industrial

O

Instituto Metrópole Digital (IMD) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu seleção para o Curso de Formação Técnica em Tecnologia, para o ingresso em 2014, a ser realizado nos polos de Natal, Mossoró, Caicó (CERES) e Angicos (UFER-

SA). As inscrições prosseguem até 3 de setembro e podem ser feitas pelo site do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve). Em Natal, serão oferecidos os cursos de Informática para a Internet, Redes de computadores, Eletrônica e Automação industrial; em Caicó e Angicos, Informática

para a Internet; e em Mossoró, Informática para Internet, Rede de computadores e Eletrônica. Serão ofertadas 2.400 vagas e desse total, 70% serão para candidatos que cursaram integralmente o Ensino Fundamental em escolas públicas, das quais 50% serão preenchidas por estudan-

tes com renda familiar bruta igual ou inferior a um salário-mínimo e meio e por uma proporção mínima igual a de autodeclarados como pretos, pardos e indígenas. Para participar, o candidato deve estar matriculado ou ter concluído o Ensino Médio e se encaixar em duas faixas etárias, que vão de 15 a

20 anos ou a partir de 21 anos, respectivamente. A validação do cadastro poderá ser consultada a partir de 11/09 e os locais de provas serão disponibilizados em 18/09, também na página do Núcleo. As provas serão aplicadas em 22/09 com duração de três horas e trinta minutos e o acesso ao lo-

cal deverá ser feito das 7h20 às 8h. O teste terá 40 questões de múltipla escolha sobre Criatividade e Inovação; Comunicação e Colaboração; Pesquisa e Gerenciamento de Informações; Pensamento Crítico, Resolução de Problemas e Tomada de Decisões; e Conceitos e Procedimentos em Tecnologia.


NO RÁDIO

NO FACEBOOK

Confira as principais notícias da rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

HOJE NA TV

15h45 - Suíça x Brasil; Globo e SporTV 15h45 - Itália x Argentina; SporTV 2 e Esporte Interativo

12h - Globo Esportivo 17h - Globo Esportivo www.radioglobonatal.com.br

facebook.com/tribunarn

SELEÇÃO BRASILEIRA VOLTA A JOGAR APÓS COPA DAS CONFEDERAÇÕES • PÁGINA 16

TN ONLINE

Confira como ficou a classificação da Série B do Brasileirão. www.tribunadonorte.com.br

esportes

15

Editor: Itamar Ciríaco itamar@tribunadonorte.com.br• Natal • Rio Grande do Norte • Quarta-feira • 14 de agosto de 2013

Apito Final VICENTE ESTEVAM - INTERINO jrvicente@tribunadonorte.com.br

Perto da degola Dos clubes potiguares que estão jogando alguma série do Brasileirão, a equipe com maior chance de sofrer o rebaixamento é o Baraúnas, que segundo os matemáticos do site Chance de Gol tem 99,92 de risco de cair para quarta divisão. Em seguida vem o ABC, que realiza uma campanha abaixo da crítica na série B e tem 90,3% de risco de tomar o lugar do Barú, na terceirona no ano que vem, como representante do RN. O risco do América também é alto na série B, o alvirrubro tem 89,7% de deixar o seleto grupo de clubes emergentes. O Potiguar que faz a pior campanha geral, com um ponto conquistado em sete partidas, só não corre risco de rebaixamento por que ainda não inventaram a quinta divisão.

Processo de ex-presidente ameaça rendas do América « SÉRIE B » Clube perdeu processo movido por José Maria Figueiredo e terá que pagar cerca de R$ 200 mil. Dinheiro pode vir do acordo com OAS RODRIGO SENA

Clube vai recorrer no caso Índio

Percentual Em busca de fazer dinheiro para garantir a “maioridade” da FNF e passar a bancar 100% dos custos com o Campeonato Estadual, a partir de 2014. A Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF) fechou parceria com um banco gaúcho para o lançamento do Clube Cap no RN. O acordo entre as partes é de cinco anos e do montante arrecadado com a venda de títulos de capitalização, em forma de cartelas para sorteio de prêmios, a entidade potiguar vai ficar com 10% do total líquido. O primeiro sorteio do Clube Cap está marcado para o dia 20, com a apresentação do casal mais simpático da TV do nosso estado: Helga Oliveira e Luís Henrique.

Arrependimento A transferência dos jogos do América para o Barrettão, que vinha sendo apontada como a tábua de salvação do clube, já não é mais vista como tal por uma parcela dos dirigentes e um parte da torcida, para quem a nova praça já está se mostrando inapropriada para o alvirrubro. A questão é que desde maio, quando começou a mandar seus jogos no novo estádio, o América só conseguiu vencer um jogo no local. Além da questão do tabu, para atormentar os mais supersticiosos, já começaram as reclamações referente ao gramado do estádio. Mas va-

Além de futuras arrecadações e contratos, a penhora de bens, como a sede, também e prevista

le salientar que o campo quando é ruim não prejudica apenas o América. Devido a isso e mais as dificuldades de acesso, o coro contrário a nova casa começa a ganhar eco. Muitos dos que fizeram pressão para troca do Nazarenão pelo Barrettão, começam a fazer pressão para o retorno ao estádio de Goianinha que, agora, passou a ser visto novamente como a opção mais viável. Porém, ficam as perguntas: quem vai pagar pela instalação das arquibancadas móveis? A CBF vai permitir que elas sejam novamente utilizadas? Com a respostas os insatisfeitos.

Gancho A rebeldia parece ter custado caro ao jovem atacante americano, Índio Oliveira. O jogador tomou uma sova do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) que lhe aplicou uma suspensão de dois anos. O atleta infringiu o regulamento da Lei de Controle Antidopagem ao usar, sem o conhecimento dos médicos do clube, o diurético furosemida, substância proibida pelo catálogo da Agência Mundial Antidopagem por ter o poder de maquiar a utilização de

estimulantes. Recentemente o jogador Deco, do Fluminense, e Carlos Alberto, ex-Vasco, também foram a julgamento por situação idêntica e não pegaram penas tão severas. Carlos Alberto deixou o tribunal absolvido enquanto o jogador tricolor pegou 30 dias de suspensão. Mas a Procuradoria do STJD recorreu e o caso vai para novo julgamento. Furosemida é um diurético presente em vitaminas vendidas em farmácia de manipulação.

No Lucro Apesar da derrota humilhante no Fla-Flu, o tricolor deixou o Maracanã pelo menos com um motivo para comemorar. O clube, como mandante do espetáculo (apenas para os flamenguistas, é claro!), teve um lucro de R$ 811.741,09, dinheiro que será utilizado para quitar o salário dos funcionários, atrasados há dois meses. O segredo para a boa arrecadação é que o Fluminense desta vez não sofreu com nenhuma penhora judicial da renda. O Consórcio que administra o Maracanã ficou com R$ 679.113,44 da renda bruta que somou R$ 1.793.425,00.

Em casa Com adiamento da partida contra a Chapecoense para o próximo dia 27, o América depois de enfrentar seu homônimo mineiro na rodada de sábado da série B, no estádio Independência, fará três jogos seguidos em casa: Chapecoense, Avaí e São Caetano, antes de fechar a fase de ida da competição contra o Oeste, em São Paulo. Caso consiga espantar o fantasma que faz a equipe sentir dificuldade de vencer no Barrettão, essa será uma grande oportunidade para o alvirrubro armar sua escapada da zona de rebaixamento. Com uma sequência de 9 pontos conquistado dificilmente ele deixaria de cumprir a missão antes da virada do turno.

« CARTÃO AMARELO »

O

América pode ter suas rendas bloqueadas e até mesmo o dinheiro proveniente do futuro contrato com a OAS ficar sob a tutela da justiça. O Tribunal deu despacho, ontem, dando ganho de causa ao ex-presidente do clube, José Maria Figueiredo, em dois processos contra o Alvirrubro, no valor de R$ 207.821,02. Os processos – 012322712.2011.8.20.0001 - Execução de Título Extrajudicial, de agosto de 2011 – no valor de R$ 112.636,76 e 0123204-66.2011.8.20.0001 - Monitória em cheque, de dezembro de 2012, no valor de R$ 95.185,01 estariam sendo negociados extrajudicialmente segundo informações do próprio América. O acerto provisório seria do pagamento em 70 vezes de R$ 3 mil, num total de R$ 210 mil, um pouco acima do valor de R$ 207.821,02 dos processos. Como o possível acordo não foi firmado, a decisão tomada em 2011 passa a ser válida e tem executoriedade em três dias, conforme despacho do juiz à época. O despacho descreve que: “Nos moldes do art. 652 do Código de Processo Civil, cite(m)-se o(a)(s) executado(a)(s) para pagar o montante executado, no prazo de 03 (três) dias. Em caso

de não pagamento, promova o oficial de justiça a penhora e avaliação de bens suficientes para garantia da dívida, intimando-se o(a)(s) devedor(es)(as). Fixo os honorários advocatícios em 10% (dez) por cento sobre o valor do débito (art. 652-A, CPC), os quais serão reduzidos pela metade em caso de pagamento integral do débito no prazo em epígrafe. Cientifique(m)-se o(a)(s) executado(a)(s) que poderá(ão) oferecer Embargos do Devedor, no prazo de 15 (quinze) dias, contado a partir da juntada nos autos do mandado de citação (art. 738, CPC). Cumpra-se. Natal-RN, 08 de setembro de 2011. Lamarck Araujo Teotonio Juiz de Direito”. No clube ninguém quis se pronunciar oficialmente sobre a notícia. No entanto, o comentário “em off” foi de que existe uma corrente interessada em processar o ex-presidente americano acusando-o de perdas e danos no período de sua administração. No entanto, o ex-presidente José Maria Figueiredo, ao contrário do clube, afirma que investiu, só em publicidade com a faculdade da qual é proprietário, cerca de R$ 200 mil e que o valor que está cobrando o foi pedido por empréstimo pelo América, mas que depois os di-

« MUNDIAL DE ATLETISMO »

Isinbayeva domina e Murer fica em quinto Musa fez a alegria da torcida moscovita com a medalha de ouro no salto com vara

M

oscou (Rússia) - Gazeta Press - Ídolo da Rússia, Yelena Isinbayeva causou furor no Estádio Olímpico de Moscou. Principal representante do país no Mundial de Atletismo, a musa fez a alegria da torcida com a medalha de ouro no salto com vara. Este foi o terceiro título mundial de Isinbayeva, que fará pausa em sua carreira para tentar engravidar antes de Rio-2016. Isinbayeva dominou toda a disputa. A russa sempre passou pelo sarrafo antes das rivais, que penavam para igualála. Entretanto, Jennifer Suhr (EUA) e Yarisley Silva (CUB) não foram capazes de saltar a 4,89m e viram a russa fazer a festa. Assim que a cubana encos-

tou no sarrafo, Isinbayeva saiu correndo pela pista de atletismo do Estádio Olímpico, chegando a esboçar uma dança na frente dos fotógrafos. Quebrando o protocolo, ela pulou as placas de publicidade para abraçar seu treinador e comemorar mais perto da torcida. Campeã mundial no salto com vara em Daegu-2011, a brasileira Fabiana Murer sequer brigou pelo pódio no Mundial de Atletismo de Moscou. A brasileira não conseguiu passar pelo sarrafo a 4,75m e ficou com a quinta colocação. Fabiana Murer se emocionou. Em entrevista após a disputa, ela desabafou. “Fiz tudo o que pude. Acho que, infelizmente, não foi suficiente para conquistar uma medalha. No final, eu tive um desequilíbrio para o lado e meu peito acabou batendo no sarrafo, disse à SporTV. Fabiana não conseguiu saltar os 4,75m estabelecidos para a terceira e quarta tentativas.

rigentes não reconheceram a dívida. “Isso me constrange muito, porque eu sou americano, me doei ao América. Não tenho rancor, mas sinceramente não gostaria de ver o meu dinheiro sair pelo ralo. R$ 200 mil não é pouco dinheiro. Tentei um acordo esse tempo todo. Esse processo já existe há muito tempo e ninguém quis acordo comigo. A justiça tarda, mas um dia chega, agora ela me deu o que me é de direito”, desabafa. José Maria Figueiredo relata suas realizações à frente do clube e justifica sua saída à época. “Fiquei oito anos com o futsal. Fomos campeões de tudo e o Arthurzinho, que é um dos principais profissionais desse estado, é testemunha. Em 97 comandei o América num momento muito difícil. Conquistei o acesso para a primeira divisão, mas agora os tempos são outros. Pode ter certeza que o que tem hoje não dá certo com minha maneira de comandar”, justifica. Questionado se não temia ser mal interpretado pela torcida do América, uma vez que é ex-presidente e está processando o clube, José Maria Figueiredo parafraseou Fernando Pessoa: “As pedras que atirarem em mim guardo e reconstruo meu castelo”, concluiu.

O América vai recorrer da decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva – STJD de suspender o atacante Índio Oliveira por dois anos. O jogador é acusado de doping, no entanto, a direção alvirrubra alega que o laboratório que analisou o exame do jogador foi descredenciado pela comissão antidopagem da Confederação Brasileira de Futebol – CBF. O jogador foi flagrado no exame antidoping da partida do América contra o Figueirense no primeiro jogo deste Campeonato Brasileiro Série B. Índio pegou dois anos de punição (pena máxima) por uso da substância diurética Furosemida. O vicejurídico do América-RN, Diogo Pignataro, afirma que estranhou a decisão uma vez que em casos semelhantes o STJD não aplicou a pena máxima. O advogado também defende a tese que a substância furosemida não oferece vantagem ao atleta.

CLÉO O América rescindiu ontem o contrato com o atacante Cléo. O atleta, que foi um dos destaques do clube no Campeonato Potiguar, sofreu com vários problemas de contusão e não conseguiu ter uma sequência de jogos. Em princípio Cléo apresentou uma lesão crônica no pé direito. Curado voltou a treinar, mas em seguida o jogador foi acometido de uma apendicite e voltou a desfalcar o grupo. Na chegada de Argel Fucks o novo técnico não cogitou aproveitar o atleta para a Série B do Campeonato Brasileiro. De acordo com informações do clube o acerto para a saída do jogador foi amigável. O clube, por enquanto, não busca substitutos para a posição e deve aguardar o fim do primeiro turno da competição nacional.


esportes Espírito renovado contra a Suíça

16

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

« SÉRIE A »

Choque de « AMISTOSO » Após Copa das Confederações, Seleção volta a campo para série de amistosos campeões em momentos e se diz consciente da cobrança até o Mundial. Partida contra os suíços começa às 15h45 bem distintos OSSERVATORE ROMANO

RAFAEL RIBEIRO

B

asel (Suíça) - Gazeta Press - Depois de conquistar de maneira brilhante a Copa das Confederações, aplicando 3 a 0 na Espanha na grande decisão, a Seleção Brasileira volta a campo de espírito renovado para enfrentar a Suíça em amistoso programado para hoje, às 15h45 (de Brasília), no Estádio St. JacobPark, em Basel, na Suíça. Há muito tempo que o time canarinho não chegava para disputar um amistoso com tanta alegria e com um clima de leveza. Luiz Felipe Scolari, técnico da Seleção Brasileira, pretende aproveitar este bom momento para poder encorpar ainda mais a base montada durante a Copa das Confederações. Ele sabe que seu time precisa chegar entrosado e bem equilibrado para a grande prioridade que é a Copa do Mundo de 2014. “Teremos contra a Suíça mais uma oportunidade de colocarmos a Seleção Brasileira para jogar e melhorar aquilo que precisamos consertar. Fomos bem na Copa das Confederações, mas sabemos que a Copa do Mundo vai exigir muito mais de nós e, portanto, temos que evoluir. Esses amistosos que estão por vir, até o Mundial, serão fundamentais neste trabalho”, disse Felipão. O técnico reclamou da notícia divulga na Espanha de que o Barcelona detectou uma anemia de Neymar assim que o ex-santista se apresentou para o início da temporada europeia. Ontem, depois do primeiro contato com o atacante desde a conquista da Copa das Confederações, o treinador da Seleção Brasileira deu seu atestado de saúde do atleta. “Ele está comentado bem e continua tranquilo na concentração. Eu o vejo comendo ao meiodia, às três, às seis, às nove, meianoite... Ele come igual a um de-

R

Neymar foi blindado na delegação e não falou sobre anemia

Itália e Argentina visitam o papa

FICHA TÉCNICA SUÍÇA BRASIL Diego Benaglio, Stephan Lichtsteiner, Philippe Senderos, Timm Klose e Ricardo Rodriguez; Valon Behrami, Valentin Stocker, Blerim Dzemaili e Granit Xhaka; Xherdan Shaqiri e Mario Gavranovic (Seferovic) Técnico: Ottmar Hitzfeld

Messi visitou o papa, mas não joga contra a Itália em amistoso

Julio Cesar, Daniel Alves, Thiago Silva, Dante (David Luiz) e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Oscar e Hulk; Neymar e Fred Técnico: Luiz Felipe Scolari

Estádio: St. Jacob-Park, em Basel (Suíça) Horário: 15h45(de Brasília) Árbitro: não divulgado

mônio”, afirmou o treinador. Neymar assinou com o Barcelona antes do início da Copa das Confederações. Quando a competição acabou, o atacante teve poucos dias de descanso, até passar por uma cirurgia de amigdalas, que o fez perder sete quilos. Em fase final de recuperação, Neymar se reapresentou ao Barça, e foi neste momento que o jornal El Pais veiculou a informação da anemia.

« INDEPENDÊNCIA »

« ARENA GRÊMIO »

Atlético/MG tenta mudar de rumo

Tricolor recebe o líder Cruzeiro

O Atlético-MG não vence há cinco jogos, sequência que já começa a incomodar o Galo, e deixa o clube na parte de baixo da tabela do Brasileiro. O time alvinegro tem hoje, mais uma chance de acabar com este jejum de vitórias, enfrentando o Bahia, às 19h30, no estádio Independência. O técnico Cuca, porém, tem problemas para armar a equipe atleticana. O avante Jô serve a Seleção Brasileira e fica fora contra os baianos. O atacante Diego Tardelli se recupera de uma lesão muscular e é dúvida, como Cuca não tem Guilherme, liberado, mas fora de forma.

Com a vitória por 3 a 0 sobre o Bahia no último domingo, o Grêmio volta a mirar o G-4 . Dois pontos atrás do Corinthians, 4º colocado no momento, o time gaúcho tem um compromisso complicado hoje: ninguém menos que o líder Cruzeiro, na Arena, a partir das 21h50. A vitória em Salvador deu novo alento ao Tricolor Gaúcho. A derrota em casa para o Coritiba, na última quinta, foi motivo de fortes vaias dos torcedores e estabeleceu de vez a desconfiança em relação ao potencial da equipe. No entanto, os 3 a 0 do último domingo trouxeram paz.

Roma (Itália) - As seleções da Itália e da Argentina homenagearão o Papa Francisco durante amistoso hoje, no Estádio Olímpico, em Roma. Capitaneadas respectivamente por Gianluigi Buffon e Lionel Messi, as duas seleções foram recebidas nesta terça-feira pelo Papa Francisco, no Vaticano. Integrantes das comissões técnicas e jogadores participaram da audiência especial realizada na Sala Clementina do palácio apostólico. Argentino, o Papa alternou o espanhol e o italiano durante a cerimônia. Torcedor declarado do San Lorenzo, Francisco recordou os tempos em que acompanhava os jogos de seu time no estádio Gasómetro e mandou uma mensagem aos integrantes das seleções. “Vivam seu esporte como um presente de Deus, uma oportunidade não só de melhorar seus talentos, mas também a responsabilidade. Eu tenho confiança em tudo que vocês podem fazer, especialmente entre

hoje na tv 12 horas - Tênis: Masters de Cincinnati; SporTV 2 15h45 - Amistoso de futebol: Suíça x Brasil; Globo e SporTV 15h45 - Amistoso de futebol: Itália x Argentina; SporTV 2 e Esporte Interativo 15h45 - Amistoso de futebol: Alemanha x Paraguai; ESPN+ 16 horas - Amistoso de futebol: Inglaterra x Escócia; ESPN Brasil 16 horas - Amistoso de futebol: Bélgica x França; BandSports 17 horas - Troféu José Finkel de Natação; SporTV 3 17 horas - Amistoso de futebol: Equador x Espanha; ESPN Internacional 18h30 - Mundial de Esportes Aquáticos Paralímpico; SporTV 3 19h30 - Brasileirão: Atlético-MG x Bahia; SporTV 21h15 - Copa Sul-Americana: Racing x Lanús; SporTV 3 21h50 - Brasileirão: Fluminense x Corinthians; Globo e Bandeirantes 22 horas - Amistoso de futebol: México x Costa do Marfim; SporTV 2 QUINTA-FEIRA 2h30 - Mundial de Atletismo; SporTV

Itália e Argentina em 12 anos.

Eu tenho confiança em tudo que vocês podem fazer, especialmente entre os jovens” FRANCISCO papa

os jovens”, disse o Papa. O centroavante italiano Mario Balotelli foi cortado do amistoso em homenagem ao Papa pela comissão técnica por causa de uma lesão no joelho direito, o mesmo operado há alguns meses. Esta é a segunda baixa significativa para a partida entre as campeãs mundiais. O craque do Barcelona Lionel Messi, sofrendo com dores musculares, também não estará em campo. Este será o primeiro jogo entre

OUTROS DUELOS Além de Suíça x Brasil e Itália x Argentina, mais 43 amistosos movimentam o dia. Destaque para Kaiserslautern, onde a Alemanha recebe o Paraguai em choque de opostos às 15h45. Os alemães atravessam um grande momento e estão praticamente classificados para a Copa do Mundo, competição que os paraguaios terão que se contentar em ver pela televisão. Em Guayaquil, no Equador, a seleção da casa vai fazer a festa de sua torcida enfrentando a Espanha, que vem marcando muitos amistosos na América do Sul para se adaptarem um pouco ao Brasil. Já nos choques entre europeus os destaques ficam por conta do encontro entre Portugal e Holanda, em Faro, enquanto que belgas e franceses duelam em Bruxelas, capital da Bélgica. Já a Inglaterra, em Londres, faz duelo de vizinhos com a Escócia.

« SERRA DOURADA »

« COUTO PEREIRA »

Fla quer aproveitar o bom momento

Coxa luta para reencontrar vitórias

Embalados pelos bons resultados obtidos no fim de semana, Goiás e Flamengo se enfrentam às 21h50, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO), em confronto válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro ganhou com autoridade, por 3 a 2, o clássico diante do Fluminense e, com 17 pontos, conseguiu se distanciar da zona de rebaixamento. A meta agora é encostar no pelotão de frente. Já os goianos, que têm a mesma pontuação dos cariocas, estão animados por terem conseguido segurar o empate por 1 a 1 com o Botafogo.

Depois de perder sua invencibilidade em casa e desperdiçar mais uma chance de liderar o Campeonato Brasileiro 2013, o Coritiba busca a reabilitação hoje, quando recebe a Portuguesa, às 21 horas, no Estádio Couto Pereira, na capital paranaense. A Lusa, por sua vez, vem embalada pela vitória o sobre o São Paulo e quer dar sequência na luta contra a zona da degola. Problemas, entretanto, não faltam para o técnico Marquinhos Santos escalar o Coxa. Bill, Keirrison, Júnior Urso e Iberbia, Alex, Willian e Geraldo, quase um time.

io de Janeiro (RJ) - Gazeta Press - Vivendo momentos completamente opostos no Campeonato Brasileiro, Fluminense e Corinthians fazem duelo dos dois últimos campeões às 21h50, no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 14ª rodada da competição. O Fluminense vem de uma derrota por 3 a 1 no clássico com o Flamengo e em nada lembra o competente time que se sagrou campeão brasileiro no ano passado. Estacionado com 14 pontos, está mais preocupado em se distanciar da zona de rebaixamento do que tentar repetir o feito de 2012. Ao contrário do Tricolor, o Timão está embalado após o triunfo de 2 a 0 sobre o Vitória, e, com 21 pontos, encostou de vez na parte de cima da tabela de classificação, mantendo vivo o sonho de repetir o título de 2011. Apesar dos momentos opostos vividos pelos dois times, o respeito entre eles é grande. “Apesar do momento vivido pelo Fluminense, com certeza teremos um grande adversário pela frente, ainda mais no Rio de Janeiro. Uma hora eles podem encontrar seu jogo e temos que trabalhar para que não seja agora”, analisou Tite, técnico do Corinthians. Pelo lado do Fluminense existe uma grande preocupação com o entrosamento do Corinthians. “O Corinthians tem um time que joga junto há muito tempo, equilibrado e que sabe o que precisa fazer em campo. Mesmo no Maracanã teremos um jogo muito complicado”, disse Vanderlei Luxemburgo, técnico do Fluminense.

Santos x Vasco Santos e Vasco se enfrentam às 19h30, na Vila Belmiro em um jogo entre duas equipes que buscam a afirmação na competição. O Cruz-Maltino está embalado pelo triunfo de 1 a 0 sobre o Coritiba, na casa do adversário, e, com 18 pontos, já planeja encostar no primeiro pelotão. O Peixe também ganhou novo ânimo ao arrancar empate sem gols com o líder Cruzeiro em Minas Gerais, porém, com 14 pontos, tem como principal missão se distanciar de vez da zona de rebaixamento. Dorival Júnior, técnico do Vasco, conversou com seus jogadores sobre a importância de o time mostrar contra o Santos a mesma determinação exibida diante do Coritiba. O treinador, porém, não quer empolgação em excesso por conta do triunfo contra os paranaenses.


TELEFONES ÚTEIS

DÓLAR COMERCIAL

Receita: 3220-2200 Procon Estadual: 3232-6869 Procon Municipal: 3232-9050 DRT RN: 3220-2000

Compra: R$ 2,3070 Venda: R$ 2,3090

DÓLAR TURISMO Compra: R$ 2,2670 Venda: R$ 2,4130

EURO TURISMO Compra: R$ 3,0000 Venda: R$ 3,2070

LIBRA ESTERLINA Compra: R$ 3,5681 Venda: R$ 3,5703

COMÉRCIO ELETRÔNICO CRESCE 26% COM O DIA DOS PAIS E FATURAMENTO SUPERA R$ 1 BILHÃO NO PERÍODO. PÁGINA 3

NA TN ONLINE Concurso da Assembleia Legislativa do RN tem mais de 28 mil inscritos. blog.tribunadonorte.com.br/tnconcursos/

economia Editora: Renata Moura [ renatamoura@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Quarta-feira • 14 de agosto de 2013

Seca pressiona indústria cerâmica « DESACELERAÇÃO » Empresas do setor reduziram em até 40% a produção de telhas e tijolos este ano, no RN. Sem água suficiente e com custos mais altos, também se viram obrigadas a dispensar funcionários

MAGNUS NASCIMENTO

ANDRIELLE MENDES Repórter

A

seca reduziu a produção de telhas e tijolos no Rio Grande do Norte e provocou a demissão de ao menos 100 trabalhadores só em Parelhas - maior produtor de telhas do estado. O problema, registrado este ano, foi agravado pela queda no número de encomendas ao setor. Em Parelhas, ao menos oito das cerca de 40 cerâmicas teriam fechado em 2013. Não há um levantamento que mostre o impacto negativo da estiagem em todo o estado, mas as perdas não estão restritas ao município. Em algumas cerâmicas, houve queda de 40% na produção. “Com a seca, nós ficamos sem água para molhar o barro, e nossos clientes sem capital para reformar ou construir”, diz Francildo Francisco Silva, dono da Cerâmica Bela Vista, que conseguiu manter parte da produção. Manoel Amaro Neto, sócio-proprietário da Cerâmica Heitor Petrolino, viu a produção despencar 40% entre julho e agosto. Doze dos 36 funcionários foram dispensados em menos de dois meses. A produção, que já chegou a quase 700 mil telhas por mês, hoje mal ultrapassa as 400 mil. Rinaldo Tavares, sócio-gerente da Cerâmica Tavares, também viu a produção cair. O volume diminuiu 20% e hoje não ultrapassa 800 mil peças por mês. Rinaldo afirma que só tem conseguido manter os empregos porque a indústria é abastecida com a água da barragem Boqueirão, localizada em Parelhas.

Reservatório A queda no nível do reservatório, que tem capacidade para armazenar até 84,7 milhões de metros cúbicos e também abastece outros municípios da região, já preocupa. O nível, segundo levantamento realizado pela Secretaria Estadual de Recursos Hídricos (Serhid/RN), já está em 24,76%. O Boqueirão é o sétimo reservatório em pior situação, considerando os 13 incluídos no levantamento no estado. Francildo Francisco Silva, proprietário da cerâmica Bela Vista, sente no bolso os efeitos da seca. A cerâmica dele era abastecida com água do rio Cobra, em Parelhas, mas com a seca, foi obrigada a alugar carros-

NÚMEROS

40 Cerâmicas teriam fechado as portas em Parelhas, neste ano. O município é o maior produtor de telhas no RN

20 É o número de cerâmicas em Carnaúba dos Dantas. Todas elas tiveram de reduzir o número de funcionários e a produção

pipa. Francisco precisa de 28 carros-pipa para produzir 1 milhão de telhas por mês. Pela água que agora chega de caminhão, ele desembolsa R$ 2.240 todos os meses. O gasto, que já chega a R$ 6.720, não estava previsto no orçamento e comprometeu as finanças da fábrica. “Estou comprando água de carro-pipa há mais de 90 dias. Por carro, pago R$ 80. Para manter a produção, tive que cortar uma despesa para cobrir essa outra”. O resultado disso foi a demissão de seis dos 56 funcionários. Francildo não sabe até quando terá que pagar carros-pipa e admite que novas demissões não estão descartadas. “No momento, estou estudando como vou fazer isso”. A situação em Carnaúba dos Dantas não é muito diferente, observa Francisco Dantas Bezerra, que é empresário do setor e presidente da Associação das Cerâmicas do Vale de Carnaúba. “Aqui há 20 cerâmicas associadas. Todas as 20 tiveram que reduzir o número de funcionários e diminuir a produção”. Bezerra defende a perfuração de novos poços na região e critica a postura do governo. “O governo só se preocupa quando não tem mais jeito. É preciso construir mais barragens, mais açudes. Ações paliativas não vão resolver o problema do setor”. A tendência, afirma Vargas Solinz, presidente do sindicato da indústria cerâmica do RN, é que a situação se agrave. O RN hoje conta com 186 cerâmicas. O número de empregados nas fábricas chega a 7,4 mil.

+

PAGINA 2

Outros setores sofrem prejuízos

O RN hoje conta com 186 cerâmicas. O número de empregados nas fábricas chega a 7,4 mil, mas há baixas com queda na produção


2

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Negócios &Finanças VICENTE NETO - INTERINO [ vneto@tribunadonorte.com.br]

Um desafio para o governo Com o volume das principais bacias hidrográficas na casa dos 42%, o Rio Grande do Norte terá dificuldades para levar água para consumo humano a mais de 1,2 milhão de pessoas que vivem no semiárido. O inverno de 2013 chegou ao fim no sertão há um mês e já existem municípios pedindo socorro. É o caso de Pilões, no Alto Oeste, onde uma comissão de vereadores veio ontem a Natal conversar com a defesa civil do Estado, trazendo debaixo do braço uma mostra da água barreta servida aos moradores. De acordo com medições mais recentes, a situação é mais grave no Seridó, onde o Itans está com menos de 20% da capacidade, a Passagem das Traíras com 10,38% e o Gargalheiras (22,62%) e o Boqueirão de Parelhas (24,76%). O açude de Lucrécia está praticamente seco, assim como a Barragem de Pau dos Ferros, que tem capacidade para 54,7 milhões de

metros cúbicos. Em melhor situação estão as duas grandes barragens construídas na bacia Apodi/Mossoró e a Lagoa do Bom Fim, de onde é retirada agua para abastecer os municípios e comunidades rurais atendidas pela adutora Monsenhor Expedito. (Veja no Caderno de Economia como está o nível dos principais reservatórios do RN).

Agronegócio O problema do abastecimento foi o tema predominante nos debates da sessão de ontem da Assembleia Legislativa. O deputado George Soares disse que a vazão da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, que era de 10 metros cúbicos foi reduzida pela metade, prejudicando os projetos de irrigação do Baixo Açu e a carcinicultura ao longo do Rio Piranhas

Açu. A barragem está com 1 bilhão de metros cúbicos, ou 43,6% da capacidade. A barragem alimenta duas adutoras: Sertão Central, Arnóbio Abreu (Médio Oeste). A pergunta que se fazia ontem, nos corredores da Assembleia, era se o governo já tem um plano para deflagrar porque o colapso no abastecimento é apenas questão de tempo.

Há muitos e muitos anos não vejo ninguém apresentar uma proposta concreta para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte”

Estiagem também prejudica mineração e fruticultura « PRODUÇÃO » A escassez de chuvas no RN comprometeu a produção e investimentos nas duas atividades. Houve queda no emprego MAGNUS NASCIMENTO

A

indústria cerâmica não é a única impactada pela seca no Rio Grande do Norte. Os setores da Fruticultura e Mineração também sentem os efeitos da falta de chuva. Segundo o presidente do Sindicato de Mineração do RN, Marcelo Porto, a produção de minério no RN caiu em pelo menos 100 toneladas por mês desde o início do ano. Algumas empresas do ramo engavetaram investimentos, como a que controla a mina de Bodó, ou adiaram a execução de projetos, como o grupo australiano Crusader, controlador da mina São Francisco, em Currais Novos. Falta água para explorar e beneficiar minério, explica Marcelo. A fruticultura no RN também foi afetada. A multinacional americana Del Monte Fresh Produce Brasil Ltda, que cultiva banana em três municípios no Rio Grande do Norte e exporta quase 100% do que produz para a Europa, não conseguiu conter a queda na produção no primeiro semestre. A área de plantio foi ampliada em 150 hectares, chegando a 1,4 mil apenas no estado, mas ainda assim o volume produzido foi 28% menor que o produzido no mesmo período do ano passado. A razão foi a seca. O quadro fez a empresa repensar investimentos e cogitar a possibilidade de enxugar o quadro de funcionários, se-

Área de produção de bananas no RN: A atividade foi uma mais atingidas pela estiagem no Estado

gundo Denílson Cardoso, diretor jurídico da empresa. O efeito da seca na economia potiguar foi tema de pronunciamento ontem na Assembleia Legislativa. O deputado estadual George Soares relatou a situação que encontrou no interior do estado, principalmente na região do Vale do Açu, onde a queda do nível da Bacia Piranhas-Açu ameaça a produção, e prometeu se reunir nas próximas semanas com o secretário de Recursos Hídricos do estado para solicitar a perfuração de novos poços.

Fonte secando

FERNANDO BEZERRA Empresário, ex-senador, sobre a crise enfrentada pelo governo Rosalba Ciarlini, ontem na 94 FM

Turismo As primeiras cinco turmas profissionalizantes do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Copa começam esta semana em Natal. São cursos pa-

economia

ra garçom, auxiliar de cozinha, camareira e recepcionista em meios de hospedagem, todos gratuitos, e com duração de três meses. Serão 310 vagas para as turmas de agosto e setembro.

Palestra O contador e empresário potiguar Rui Cadete será palestrante na 23ª Convenção dos Profissionais de Contabilidade do Estado de São Paulo, promovida pelo CRC/SP e realizada de 18 a 20 de agosto na capital paulista. A palestra é sobre “as tendências da contabilidade na sustentabilidade”.

Vacinação

Principais reservatórios do RN. Nível cai e ameaça a produção Reservatório Pau dos Ferros Lucrecia Santa Cruz Umari Lagoa do Bom Fim Boqueirão Passagem das Trairas Gargalheiras Mendubim Armando Ribeiro Itans Poço Branco Tabatinga

Capacidade* 54,7 27,2 599,7 292,8 84,2 84,7 49,7 44,4 76,3 2.400 81,7 136 89,8

Nivel (%) 15,15 20,91 55,92 59,89 63,66 24,76 10,38 22,62 53,43 43,68 19,29 49,27 11,94

BACIAS

CAPACIDADE

VOLUME ATUAL

NÍVEL

Apodi/Mossoro

1.235.309.000

624.658.000

50,46%

Piranhas/Açu

3.275.626.000

1.271.565.000

38,81%

Total geral

4.988.232.601

2.097.770.118

42,05%

(*) milhões de metros cúbicos. Fonte: Semarh

Está sendo dada como certo pela imprensa nacional, para o dia 21 (próxima quartafeira), em Fortaleza, a solenidade do anúncio oficial, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, da mudança de status do Nordeste, para área livre da febre af-

tosa com vacinação. O anúncio vem no momento certo para o Rio Grande do Norte que está preparando a sua maior feira agropecuária, a Festa do Boi 2013, a ser realizada na segunda semana de outubro, no Parque de Exposições, em, Parnamirim.

avaliada em aproximadamente 100 mil dólares e era procedente da China. Se a Receita Federal apertasse a fiscalização nos portos, fronteiras e aeroportos, as importações da China diminuiriam drasticamente.

Inadimplência Apesar de ser manter em alta, a inadimplência do consumidor abre o segundo semestre do ano com queda de 3,5%, segundo o Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor. Caiu 3,5% em julho deste ano, na comparação com o mês anterior, no segundo recuo mensal consecutivo e a menor variação para um mês de julho desde 2006. Na rela-

DA AGÊNCIA SEBRAE RN

A escassez de chuvas por um período prolongado no semiárido do Rio Grande do Norte não provocou efeitos negativos apenas na agropecuária e na indústria cerâmica. Houve prejuízo também em 69% dos negócios instalados na zona urbana de 33 cidades potiguares, com efeitos negativos principalmente no comércio. O estudo ‘O Impacto da Seca Para As Micro e Pequenas Empresas no Semiárido do Rio Grande do Norte’, realizado pelo Sebrae RN e divulgado na semana passada, mostra que 76% das pequenas empresas registraram queda no faturamento. As micro e pequenas empresas (MPEs) que tiveram maior impacto com a seca estão nos municípios de Almino Afonso, Apodi, Florânia, Ipanguaçu, Lajes, Patú e Serra Negra. Realizada entre maio e junho deste ano, a pesquisa avalia os indicadores de desempenho após o período da seca e as ações adotadas para sanar o impacto gerado nos empreendimentos devido à falta de chuvas. “O impacto ainda tem chegado de maneira intensiva e silenciosa no meio urbano, mas repercute diretamente na redução dos lucros. Além da capacitação dos empresários para conviver com esse cenário, é importante que o

governo passe a criar estruturas de apoio e fomento para o desenvolvimento de atividades econômicas que não possuam relação com a seca, como é o caso do comércio e serviço, ou que tenham mercado mais amplo, como é o caso atual das facções”, observa o diretor técnico do Sebrae-RN, João Hélio Cavalcanti. Segundo o diretor, a ideia do estudo é dar subsídio a futuras estratégias para o meio urbano atenuar os efeitos da estiagem e direcionar as ações do projeto Sebrae no Semiárido. A pesquisa mostra que a maior parte (74,3%) dos negócios tem faturamento mensal de até 15 mil, sendo que nessa mesma faixa 47,7% obtêm uma receita de até R$ 5 mil por mês. As empresas pesquisadas basicamente concentram-se nos setores de comércio (79,8%), serviços (17,5%) e indústrias (2,7%). Pela avaliação dos reflexos da seca, 39,3% dos empresários pesquisados afirmam que a seca afetou razoável ou parcialmente os negócios, enquanto 29,7% relatam que a seca prejudicou muito a atividade. Já 31% acreditam o período não afetou o desempenho da empresa. Para o grupo que considerou a seca foi um problema, as maiores dificuldades estavam ligadas a redução de vendas (55,2%), diminuição do número de clientes (15,6%), queda nos lucros (10,8%) e inadimplência (6,4%).

BB alcança lucro recorde « BANCO » Segundo balanço divulgado pela instituição, recorde foi registrado no primeiro semestre, quando o lucro líquido foi de R$ 10 bi

Pirataria Mais de 200 mil produtos sem nota fiscal são apreendidos no Porto de Suape, em Pernambuco. Entre as mercadorias apreendidas, estão 2.800 bolas ‘’Jabulani’’ falsificadas, carregadores de celular e artigos para festas. A carga está

Estudo mostra impacto negativo na zona urbana

ção anual – julho deste ano contra o mesmo mês do ano passado – o indicador caiu 5,0%. No acumulado dos primeiros sete meses do ano, na comparação com o mesmo período do ano anterior, o índice continua perdendo fôlego e apresentou alta de 4,0%. No primeiro semestre do ano, o indicador havia registrado crescimento de 5,6%.

S

ão Paulo (ABr) – O Banco do Brasil (BB) registrou lucro líquido de R$ 7,47 bilhões no segundo trimestre deste ano. O valor representa alta de 148,4% em relação ao mesmo período de 2012. Nos primeiros três meses de 2013, o lucro líquido somou R$ 2,55 bilhões. De acordo com balanço divulgado pela instituição ontem, no primeiro semestre o lucro líquido foi recorde e pouco superior a R$ 10 bilhões. Os índices de inadimplência do banco mantiveram-se em queda. Em junho último, o índice de operações vencidas há mais de 90 dias representou 1,87% da carteira de crédito, abaixo dos 2% registrados em março deste ano. Esse foi o menor valor registrado nos últimos 11 anos. O crédito imobiliário atingiu saldo de R$ 17,3 bilhões em junho, o que representa

uma expansão de 76,3% em 12 meses. Destaque para a carteira de pessoa física, com crescimento de 78,8% em um ano, encerrando o período com saldo de R$ 13,7 bilhões e 39.596 operações contratadas. Em relação ao volume contratado no semestre, as pessoas físicas responderam por R$ 5,2 bilhões enquanto as pessoas jurídicas representaram R$ 4,1 bilhões.

Semestre No semestre, o BB ainda alcançou a marca de 170 mil unidades habitacionais contratadas nas faixas 1, 2 e 3 do Programa Minha Casa Minha Vida, sendo 85.192 unidades para famílias com renda familiar mensal até R$ 1.600. Os ativos da instituição financeira alcançaram R$ 1,21 trilhão no primeiro semestre de 2013, crescimento de

NÚMERO

148,4% Foi o crescimento registrado no lucro líquido do Banco do Brasil, no segundo trimestre deste ano, chegando a R$ 7,47 bilhões

15,5% em 12 meses, favorecido, principalmente, pela expansão da carteira de crédito. A carteira de crédito foi ampliada em R$ 638,6 bilhões em junho deste ano, o que significa crescimento de 25,7% em 12 meses e 7,7% em relação ao trimestre anterior. Destaque para as carteiras de pessoa jurídica e de agronegócios, que registraram incrementos em 12 meses de 28,8% e 32,8%, respectivamente.

O BB encerrou o segundo trimestre de 2013 alcançando a marca de R$ 127,1 bilhões em sua carteira de agronegócios no conceito ampliado, valor 32,8% maior do que o registrado no mesmo período de 2012 e 15% superior em relação ao trimestre anterior. O banco ampliou a liderança de mercado neste segmento, atingindo 66,1%, de acordo os dados do Sistema Nacional de Crédito Rural (SNCR). O faturamento total com cartões atingiu R$ 49,7 bilhões no segundo trimestre de 2013, crescimento de 22,5% em comparação ao mesmo período do ano anterior. Destaque para o faturamento com cartões de crédito, que alcançou R$ 29,4 bilhões, evoluindo 24,2% em relação ao mesmo período de 2012.


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

economia

3

E-commerce fatura 26% a mais « DIA DOS PAIS » Crescimento nas vendas foi registrado nas duas semanas que antecederam o Dia dos Pais e ficou acima do alcançado pelo comércio “presencial”. As vendas online movimentaram R$ 1,023 bilhão ADRIANO ABREU

ão Paulo (AE) - O comércio eletrônico alcançou um total de R$ 1,023 bilhão em vendas nas duas semanas que antecederam o Dia dos Pais, de acordo com levantamento da Ebit, empresa especializada em informações do setor. Foram feitos 2,684 milhões de pedidos via web, no período.O faturamento entre os dias 27 de julho e 10 de agosto representou 26% de alta na comparação com o mesmo período do ano passado. O percentual é aproximadamente oito vezes maior que o registrado no comércio presencial – lojas de ruas e shoppings - no país, que ficou entre 3% e 3,7% no período. O desempenho do comércio eletrônico confirmou as expectativas da E-bit, de vendas no patamar de R$ 1 bilhão na data. Para a E-bit, o setor tem sido mais procurado pelos consumidores mesmo no atual cenário de desaceleração da economia. A facilida-

S

Itens de moda e acessórios foram os principais alvos de quem optou por comprar pela internet

de para pesquisar e comparar preços, além dos prazos de pagamento mais elásticos, ajudam o segmento. Neste Dia dos Pais, itens de moda e acessórios foram os mais procurados e responderam por 12% do total das vendas no período. Os eletrodomésticos ficaram em segundo lugar, com 11% do todo. Informática, com 9%, telefonia e celulares também com 9%, e casa e decoração, com 8%, vêm na sequência.

Presencial No caso do comércio presencial, a data registrou a menor taxa de crescimento em três anos, apontam três indicadores do comércio varejista apurados por entidades diferentes. Os acréscimos nos volumes de vendas oscilaram entre 3% e 3,7% na comparação com igual data de 2012, no país, e só superaram o desempenho da data em 2009, ano marcado pelos impactos da cri-

se financeira internacional. O Rio Grande do Norte também registrou o menor crescimento em vendas no Dia dos Pais em últimos três anos. O percentual (+5,5%) ficou acima do nacional, mas abaixo do registrado em 2012, por exemplo, quando a alta foi de 7,5%. Os números são da Associação Comercial do RN e mostram que o consumidor está mais cauteloso na hora de gastar, diz Adelmo Freire, superintendente da Associação. Apesar de mais baixo que o normal, o crescimento no estado ficou dentro das expectativas da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio/RN). A retração do mercado de trabalho foi apontada como uma das razões para o resultado. No RN, somou-se a isso, o aumento do custo do crédito, a alta das taxas de inadimplência, e a redução nos investimentos públicos, segundo a Fecomércio/RN.

Pescadores perdem registro

« INADIMPLÊNCIA »

« BALANÇO »

Índice de devedores no Brasil desacelera

Exportações do agronegócio « SUSPENSÃO » Registros foram suspensos por falta de atualização crescem 3,6% cadastral dos titulares neste ano. Há prazo para resolver a situação em julho

ão Paulo (AE) - O Indicador de Inadimplência do Consumidor caiu 3,5% em julho ante junho, informou ontem a Serasa Experian. Foi o segundo recuo mensal consecutivo e também a menor variação do indicador para um mês de julho desde 2006. Na comparação com julho de 2012, a queda foi de 5%. Já no acumulado do ano até julho, na comparação com os primeiros sete meses do ano passado, o índice foi positivo, com alta de 4%, mas reforçou a tendência de queda da inadimplência, já que o acumulado do primeiro semestre apontava crescimento de 5,6%. Em nota à imprensa divulgada pela Serasa Experian, os economistas da empresas atribuem a queda em julho à procura do consumidor pela renegociação de dívidas e à cautela na hora de adquirir bens e serviços. “A redução do poder aquisitivo, por conta da inflação, foi determinante para essa mudança de comportamento”, ressaltam os economistas. O recuo do indicador na comparação com junho foi puxado pelas dívidas não bancárias (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia, energia e água), com queda de 8,7%, e dívidas com bancos, que encolheram 2,2%. Títulos protestados e cheques sem fundos pressionaram o índice para cima, com altas, respectivamente, 8,4% e 16,3%.

rasília - As exportações brasileiras do agronegócio, em julho deste ano, foram de US$ 9,30 bilhões. Esse montante representa incremento de 3,6% em relação ao mesmo período de 2012, quando as vendas do setor somaram US$ 8,98 bilhões. As importações aumentaram de US$ 1,22 bilhão para US$ 1,51 bilhão. Desta forma, o saldo da balança comercial do agronegócio foi positivo no período, de US$ 7,79 bilhões. As informações são da Secretaria de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SRI/Mapa). O principal setor exportador agrícola brasileiro no mês foi o complexo soja, responsável por 42,5% das exportações do agronegócio ou US$ 3,95 bilhões. Esse valor, quando comparado aos US$ 3,15 bilhões comercializados em julho de 2012, representou um crescimento de 25,6%. Logo em seguida, considerando-se o valor exportado, aparece o setor de carnes, com vendas totais de US$ 1,46 bilhão. O carro-chefe em vendas do setor foi a carne de frango, que gerou US$ 631 milhões em divisas (+20,7%).

S

Comércio A inadimplência no comércio, em julho, ficou concentrada nas dívidas com valores acima de R$ 500. O dado foi divulgado ontem pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em um mapeamento que apresenta dados da inadimplência por gênero, idade e valor da dívida. Entram nesse cálculo da inadimplência pessoas que estão com contas em atraso há mais de 90 dias. O SPC Brasil e a Câmara Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) divulgam, desde janeiro de 2013, informações segmentadas sobre o indicador mensal de inadimplência no comércio brasileiro, que no mês de julho apresentou a primeira queda no ano. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a retração foi de 1,94%. O resultado reflete o baixo índice de confiança do consumidor.

ALEX FERNANDES

B

B

Destinos Em referência às exportações do agronegócio brasileiro divididas por blocos econômicos, mais uma vez se destacou as vendas para o continente asiático, que cresceram a uma taxa de 14,6% e atingiram o montante de US$ 3,89 bilhões. Essa expansão possibilitou um aumento da participação nas vendas externas do agronegócio brasileiro de 4 pontos percentuais, passando de 37,8% em julho de 2012 para 41,8% em julho do ano corrente. O segundo principal bloco de destino das exportações brasileiras no mês foi a União Europeia (UE-28), com o valor de US$ 2,26 bilhões e aumento de 7,5% em comparação a julho do ano anterior. Entre janeiro e julho, as exportações do agronegócio cresceram 9,5% e atingiram a cifra recorde de US$ 58,87 bilhões. Os principais exportadores foram complexo soja (US$ 21,26 bilhões); carnes (US$ 9,59 bilhões); complexo sucroalcooleiro (US$ 7,42 bilhões); produtos florestais (US$ 5,49 bilhões) e cereais, farinhas e preparações (US$ 3,24 bilhões).

rasília (ABr)– O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) suspendeu 81 mil carteiras de pescadores profissionais que não fizeram a atualização cadastral entre os meses de fevereiro e março. No Brasil, mais de um milhão de pescadores têm o registro, que permite o exercício da pesca profissional e dá acesso a programas sociais. Desde fevereiro, o ministério faz atualização dos dados para combater fraudes e promover fiscalização mais efetiva na concessão do Registro Geral da Atividade Pesqueira. Para não ter o registro suspenso ou cancelado, os pescadores precisam atualizar os dados no site do ministério, em até 60 dias após a data do seu ani-

Pescadores com registro podem ter acesso a programas sociais

versário, ou ir até a Superintendência do MPA no seu estado, até 120 após a data do aniversário. As carteiras foram suspensas à medida em que o prazo de 120 dias a partir do aniversário era alcançado, sem que o pescador fizesse a atualização do cadastro. Os pescadores que tiveram a carteira suspensa deverão ir à superintendência do MPA no seu estado levando RG e CPF, até 30 dias depois da suspensão ou terão o registro cancelado. Os pescadores com registro podem ter acesso a programas do governo, que incluem microcrédito, seguridade especial e seguro desemprego, que é pago nos meses em que a pesca é proibida para proteger a reprodução de peixes, lagostas e camarões.


4

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

economia »ENTREVISTA » AMARO SALES PRESIDENTE DA FIERN

ALEX RÉGIS

“A indústria deve e quer contribuir para o meio ambiente”

Eu tenho certeza que se o Estado fosse capaz de soltar essas amarras do desenvolvimento colocaria na economia do RN algo em torno de R$ 50 bilhões, em investimentos que estão retidos, estão represados à espera da concessão desses licenciamentos”

« MOTORES » Para o presidente da Fiern, Amaro Sales,

falta de infraestrutura e agilidade em licenças ambientais impedem o desenvolvimento da indústria no RN indústria tem se estruturado para integrar as soluções rumo ao desenvolvimento sustentável. Em entrevista à TRIBUNA DO NORTE, o presidente da Federação das Indústrias do RN, Amaro Sales, fala do esforço empreendido para atender as exigências da legislação ambiental, otimizar o consumo de recursos naturais e manter a economia aquecida, contudo, Sales critica a ineficiência dos órgãos responsáveis pela concessão de licenças ambientais. “Eu tenho certeza que se o Estado fosse capaz de soltar essas amarras do desenvolvimento colocaria na economia do Rio Grande do Norte algo em torno de R$ 50 bilhões”, asseverou Sales. “A Indústria e as Ideias Sustentáveis” é o tema do Seminário Motores do Desenvolvimento do Rio Grande do Norte, que acontece na próxima segunda-feira, dia 19,a partir das 8 horas, no auditório Albano Franco, Casa da Indústria (FIERN). O projeto é realizado pela TRIBUNA DO NORTE, Salamanca Capital Investments, Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), Sistema Fecomércio/RN, Assembleia Legislativa e com patrocínio do CTGAS-ER e Petrobras. Confira a entrevista.

A

A indústria, ao longo do tempo, foi posta como vilã na questão ambiental. O que tem feito para mudar nesse aspecto?

A indústria é considerada vilã em quase tudo, não só quando a questão é a sustentabilidade. O empresário tem essa pecha, mas é quem faz funcionar o país no desenvolvimento da economia, na geração de emprego, na geração de renda, esse é o nosso papel. E o que vemos a cada dia é o empresariado investindo mais na empresa, no Estado, apesar da quantidade de obrigações, o chamado custo Brasil, porque não queremos que a indústria produza agredindo o meio ambiente, mas entendemos ser necessário soltarmos essas amarras para o Estado voltar a crescer. Quando o senhor fala em amar-

ì O QUE O seminário Motores do Desenvolvimento do Rio Grande do Norte discute com gestores públicos, indústria, iniciativa privada e sociedade o desenvolvimento sustentável

ras está se referindo a questão do licenciamento ambiental?

Se você for hoje ao Idema e ao Ibama, você vai se deparar com a enorme quantidade de projetos que estão parados por falta de análise, por falta de prioridade. O Estado, nas três esferas de poder, reclama que faltam investimentos, mas não faz sua parte, que é de prover esses licenciamentos, de analisar, dar uma resposta à indústria no tempo hábil. Eu tenho certeza que se o Estado fosse capaz de soltar essas amarras do desenvolvimento colocaria na economia do Rio Grande do Norte algo em torno de R$ 50 bilhões, em investimentos que estão retidos, estão represados a espera da concessão desses licenciamentos. Esse valor nos foi repassado pelos dois órgãos ambientais à Federação, em projetos que não estão licenciados por falta de pessoal. É uma indecência. O estado reclamando investimento, faltando emprego, geração de renda e com projetos que poderiam dar um boom na economia. Entre esses cerca de R$ 50 milhões em investimentos que não foram feitos, há também desistências, transferência de projetos para outros estados?

Não tenho conhecimento se houve transferência. É um prejuízo. Imagine esses R$ 50 bilhões já circulando, movimentando a economia do estado. Várias empresas dependem disso para fazer investimentos, se instalar. Na zona Nor-

te, há um empreendimento já estudado, aprovado, orçado em R$ 1 bilhão para se instalar onde era o parque industrial da Coteminas, mas nada andou por falta das obras infraestrutura. E esse é outro grande gargalo que impede o desenvolvimento econômico. Inclusive em áreas que prometem movimentar a economia e ter uma geração limpa, como é o caso da indústria de energia eólica. Prova disso, é a quantidade de projetos contratados e instalados e que não estão operando devido a falta de infraestrutura, dos chamados linhões de transmissão. Por que não foi feito? Porque o órgão licenciador não fez o estudo onde vai passar essas linhas e isso atrasa porque mais parques poderiam estar se instalando, poderiam estar gerando, poderiam está enriquecendo o Estado. O mesmo ocorre com a solar e o Estado poderá assistir o trem passar. Isso é preocupante por que o Rio Grande do Norte deve perder no próximo leilão parte dos projetos devido a vinculação que a empresa deve conectar a energia. O Idema alega que, além do deficit de pessoal, a qualidade dos projetos que são submetidos contribui para a morosidade na concessão das licenças. Como a Fiern pode intervir nesse sentido?

A Federação tem uma comissão de meio ambiente, com estrutura técnica, para que possamos auxiliar aos empresários da indústria a busca desse licenciamento, com orientação e suporte na elaboração dos projetos alinhados a lei. A indústria, sem dúvidas, deve e quer contribuir para o meio ambiente, quer construções limpas, sustentáveis. Nós entendemos que os quadros de técnicos liberados para atuar na liberação dessas licenças são reduzidos. E a indústria traz sugestões no sentido de contratar empresas privadas para a análise dos projetos, uma vez que é uníssona a reclamação do município, do Idema, do Ibama, de que não há corpo técnico suficiente para dar vazão a esse gargalo. Na Rio+20, a CNI apresentou um

A falta de infraestrutura é outro grande gargalo que impede o desenvolvimento econômico do RN”

relatório com metas para a indústria, em relação ao melhor uso de recursos naturais, tratamento de resíduos. Como tem sido a adoção dessas medidas na indústria potiguar?

Essa preocupação, o Sistema S, por meio de Senai, já desenvolve ações. Nós queremos trabalhar dentro da prevenção, antes de acontecer o evento da quebra de compromisso com a sustentabilidade, antecipar orientações junto aos empresários. Na prática, que ações estão sendo tomadas?

A indústria ceramista, por exemplo, passou por uma exigência do Idema para se adequar em relação ao uso de lenha e o Sindicato das Cerâmicas tem se mobilizado para que as empresas façam o check list do que é necessário em documentação e adequações dentro do que estabele-

ce a legislação. Ou seja, a utilização dos fornos com maior desempenho, menor índice de poluição, madeira oriunda do plantio de manejo, colhidas de forma sustentável, de modo a garantir o reflorestamento. Firmamos uma parceria com o Idema e o CTGAS, para a aquisição de um veículo equipado com aparelhos de ponta para fazer as medições da qualidade do ar na indústria. Isso possibilitará as medições necessárias e condicionantes ao licenciamento serem feitas, já que os órgãos licenciadores tem dificuldade de infraestrutura para realizar. Equipar e adequar a indústria para ter um consumo mais racional, demanda investimento. Isso é um dificultador, causa resistência por parte do empresariado?

É um dificultador. O empresário que precisa de recursos financeiros para a sua empresa, se-

ja para investimentos em máquinas, equipamentos ou para capital de giro, para conseguir financiamento, sofre a discriminação porque precisa da licença ambiental dizendo que a indústria dele não é poluente. Isso é bom enquanto regulador, mas ao mesmo tempo encarece a licença. Então, quando precisa licenciar já deve ter um custo adicional. Como o programa Mais RN tratará a questão ambiental?

O projeto será constituído de um diagnóstico, com o mapeamento das oportunidades no Rio Grande do Norte, a partir daí será traçada uma política pública industrial, que contemplará a sustentabilidade. O empresário terá toda a informação de como, onde poderá investir de forma a garantir o desenvolvimento econômico, o crescimento do negócio mas preservando o meio ambiente.


CANAL ZAP

Walcyr Carrasco desmente boatos: Gina e Valdirene não são filhas de César. PÁGINA 2

LITERATURA

LANÇAMENTO

“Chefão”, “Como viver em tempo de crise?” e “Primeira Manhã” são destaques da coluna Toque. PÁGINA 4

Livro de memórias do médico sanitarista Joaquim Luz é lançado hoje. PÁGINA 3

PROGRAMA IMPRESSÕES DO BRASIL ENTREVISTA JOÃO GILBERTO NOLL, HOJE NA TV BRASIL . PÁGINA 2

BLOG VINO DIVINO VINO

As melhores cartas de vinhos de 2013 das companhias aéreas.

tribunadonorte.com.br/vinodivinovino

viver Editora: Cinthia Lopes[cadernoviver@tribunadonorte.com.br]

Natal • Rio Grande do Norte • Quarta-feira • 14 de agosto de 2013

Um festival de grandes releituras

Temporada inédita do Circuito Cultural Banco do Brasil Cover começa por Natal, em setembro. Durante três noites (27, 28 e 29) Zeca Baleiro vai rever a obra de Zé Ramalho, João Barone, Leoni, Toni Platão, Dado Villa-Lobos e Liminha revisitam os Beatles, e Maria Gadú mergulha no repertório de Cazuza. VIVER participou de lançamento do projeto, no Rio de Janeiro YUNO SILVA

1

CRISTINA GRANATO

YUNO SILVA enviado ao Rio de Janeiro

A

proposta é simples e tentadora para qualquer músico: montar um show bem produzido e prestar homenagem a algum ídolo, referência para a carreira, um mito ou qualquer outro sinônimo que instigue o artista. O público também sai ganhando “por ouvir pela primeira vez novas versões de canções que já ouvimos milhares de vezes”. A afirmação da experiente produtora e cineasta Monique Gardenberg, que já trabalhou com Chico Buarque, Milton Nascimento e por muito tempo com Djavan, sintetiza os finalmentes e a intenção do projeto Banco do Brasil Cover. A temporada 2013 começa por Natal em setembro, com nova série de tributos: Zeca Baleiro canta Zé Ramalho, Maria Gadú interpreta Cazuza e uma a superbanda capitaneada pelo produtor musical e baixista Liminha faz releituras dos Beatles com participações de Paulo Miklos, Marjorie Estiano, Sandra de Sá e André Frateschi. O projeto elaborado por Monique ainda passa (sempre com o time completo) por Recife, Fortaleza, Porto Alegre e termina no Rio de Janeiro em dezembro. A primeira temporada, realizada em 2011 (não passou pelo RN), colocou no palco Maria Betânia com músicas de Chico Buarque, Sandy cantando Michael Jackson e Lulu Santos (Roberto e Erasmo Carlos) – esse show do Lulu, inclusive, acabou virando o disco “Lulu Canta & Toca Roberto e Erasmo” lançado em maio deste ano. A programação foi anunciada durante coletiva ontem pela manhã no Centro Cultural do BB no Rio de Janeiro, com a presença de todos os artistas convidados. “O Banco do Brasil co-

memora presença de 100 anos no Ceará e em Pernambuco”, informou Hayton Rocha, diretor de marketing da instituição, ao justificar a escolha do roteiro. Natal e Porto Alegre também entraram no circuito por se destacarem na proporcionalidade de clientes regionais. “E shows no Rio, né!? Por que o Rio é o Rio!”, brincou. “Quando recebi o convite encarei como desafio, e o primeiro era escolher um nome para homenagear: Martinho da Vila, Luiz Melodia, Sérgio Sampaio ou Zé Ramalho”, disse Zeca Baleiro. No início o maranhense achou que fosse uma “péssima escolha” por já ter sido comparado com o paraibano. “Quando fiz ‘Heavy Metal do Senhor’, lá atrás no primeiro disco (em 1997), a música tinha essa pegada rock nordestino que o Zé tem”, completou. Da mesma forma que os demais, Zeca ‘Ramalho’ Baleiro ainda não preparou o repertório: “Vou visitar todas as fases, sem respeitar ordem cronológica”, adiantou. “Ainda não falei com ele (Zé Ramalho), mas acredito que vai aprovar, ele gosta de mim, já fizemos uma música juntos”. Zeca fala da ótima “Bienal”, registrada no segundo disco “Vô Imbolá” de 1999. No show a certeza dos sucessos e de músicas “lado B”. “Não poderia fazer apenas a produção e toquei baixo, que é o que mais gosto”, ressaltou Liminha, baixista da fase dos Mutantes pós-Rita Lee “Estamos ouvindo muito, todas, e ensaiando”, contou. Toni Platão reforça: “O Liminha faz a gente trabalhar até tarde”. Zeca Baleiro emenda dizendo que “ainda” não começou a ensaiar e vai ter que fazer cerão. Maria Gadú também tinha dúvidas: Adoniran Barbosa, Renato Russo... “Dos três, Cazuza foi o que me-

nos cantei. Por ser o mais desafiador, por não conhecer bem a obra foi o escolhido”, explicou a cantora. Durante a coletiva todos falaram sobre a oportunidade de prestar homenagem a um artista que, em graus diferentes, influenciou. “Tenho certeza que vamos conseguir passar essa ‘vibe’ bacana que estamos experimentando nos ensaios para o público”, arriscou João Barone, baterista dos Paralamas que participa do projeto ao lado de Liminha, Toni Platão, Dado Villa-Lobos e Leoni. “Minha formação musical, e acredito que de todos aqui, tem muito a ver com os Beatles. Cada música trás uma memória”, emenda Liminha. “A dedicação aos ensaios está sendo bem divertida, é uma pena que serão apenas cinco shows”, lamenta em tom de brincadeira o produtor. O guitarrista Dado Villa-Lobos (Legião Urbana) lembra que “Beatles está no DNA. É sensacional poder participar desse projeto ao lado dessa galera. Somos amigos de frequentar o mesmo bar”, comemora. Quando falaram do figurino, Dado sugeriu roupa do Sgt Peppers para Barone, Abbey Road para Leoni e que ele iria com terninho da primeira fase do quarteto inglês. Por enquanto não há previsão, mas a ampliação da turnê não está descartada. Questionada, a produtora Monique Gardenberg lembrou que a possibilidade dos shows se transformarem em CD/DVD “depende de cada artista”. Os shows em Natal acontecem no Teatro Riachuelo e os ingressos serão pagos – os valores ainda não foram definidos, ficarão entre R$ 40 e R$ 140 a inteira. (*) A REPORTAGEM DO VIVER VIAJOU A CONVITE DO BBCOVER

ì

2

O QUE O projeto Banco do Brasil Cover reúne artistas consagrados para prestar homenagem a seus ídolos. A temporada 2013 passa por cinco Estados com shows de Zeca Baleiro cantando Zé Ramalho, Maria Gadú com músicas de Cazuza e os Beatles na visão do quinteto Liminha, Dado Villa-Lobos, João Barone, Toni Platão e Leoni, mais participações especiais.

QUANDO Os três shows (completos) acontecem dias 27, 28 e 29 de setembro no Teatro Riachuelo, em Natal. O preço dos ingressos ainda não foi definido, mas o valor da inteira varia entre R$ 40 e R$ 140. CRISTINA GRANATO

3

1. Lançamento do projeto BBCovers 2013 aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio 2. Villa-Lobos, Tony Platão, Leoni, Barone e Liminha se reúnem para um tributo aos Beatles 3. Zeca Baleiro, Maria Gadú, Hayton Rocha e a produtora e diretora Monique Gardenberg


2

viver

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

« CANAL ZAP »

FLÁVIA CIRINO E-MAIL PARA ESTA COLUNA: CANALZAP@CARTAZNOTICIAS.COM.BR PEDRO PAULO FIGUEIREDO/CZN

Entre estrelas

Além das fronteiras

Uma novela é feita a partir de um trabalho coletivo. Não é à toa que Joaquim Lopes, o Lucindo de “Sangue Bom’’, exalta sua boa sintonia com Marisa Orth, que interpreta Damáris. Acostumado aos papéis de humor – como o Josué de ‘’Morde & Assopra” –, o ator comemora o fato de dividir boa parte de suas cenas com a icônica intérprete de Magda do seriado “Sai de Baixo”. “Aprendo muito observando e fico muito feliz com nossas sequências”, elogia ele, que se sente livre para criar em cena sob a direção de Dennis Carvalho. “Fico muito a vontade. Temos uma liberdade enorme para colocar nosso processo criativo em prática”, completa. Pela primeira vez trabalhando com Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari, Joaquim já acompanhava os antigos trabalhos da autora na Globo, como “Dalva e Herivelto” e “Ti-Ti-Ti”.

A gravação de novelas em países estrangeiros já uma rotina nas tramas da Globo. E “Joia Rara”, próximo folhetim das seis, não ficou de fora da tradição. Elenco e direção passaram cerca de 20 dias gravando no Nepal algumas sequências da primeira fase da trama de Thelma Guedes e Duca Rachid, tudo sob a direção de Amora Mautner. As montanhas do Himalaia serão o começo da saga de Franz, interpretado por Bruno Gagliasso, um rapaz milionário que abrirá mão de uma vida luxuosa pelo amor de Amélia, papel de Bianca Bin, uma operária destemida. Durante todo o tempo que permaneceram no país, equipe e direção utilizaram todas as opções que as locações ofereciam: a algazarra das ruas da capital, Katmandu, o silêncio apaziguador dos mosteiros budistas, o calor da primavera tibetana, as paisagens exuberantes. Além dos sorrisos genuínos dos moradores. ‘’Está sendo uma experiência espiritual incrível. Acho que estou aprendendo muito como ser humano”, contou Bianca.

“Todos os projetos dela tem um cuidado bacana. Eles escrevem muito bem. Não é necessário fazer grandes mudanças no texto. O roteiro chega pronto para ir ao ar”, valoriza. Ainda sem projetos concretos para após o fim da novela, o ator ressalta o desejo de interpretar um vilão em algum folhetim. “Quero algo bem diferente de mim e que me proporcione sair da zona de conforto”, planeja.

Hora do adeus A MTV deseja revisitar seu acervo para complementar sua programação de despedida – a partir de outubro, o canal irá reestrear apenas na tevê fechada. A emissora pretende exibir um episódio inédito e especial do “The Nadas”. A sitcom, no ar em 2005 com duas temporadas, é estrelada por Marcos Mion, André Vasco e Felipe Solari. Na época, “The Nadas” foi o primeiro projeto de dramaturgia da MTV, e fez grande sucesso.

« NOVELAS »

Márcia descobre que Gentil e Atílio são a mesma pessoa

Malhação Globo 17:30 Vitor e Paulino invadem a quadra da escola para treinar. Luciana distribui presentes para a família, e Ronaldo estranha. Abelardo e Maura fecham negócio.

orfanato. Mili e o Junior tentam sair, mas Ernestina questiona aonde eles vão.

Chiquititas SBT, 20H30 O casal vai embora sem adotar ninguém. Junior diz a Mili que seu pai não aceitou os meninos no

Amor à vida globo 21:00 Paloma e Bruno tentam encontrar o dono do bar onde Paulinha nasceu. Carlito leva Márcia ao hospital San Magno. Vega procura César antes de cobrar uma explicação do marido. Márcia descobre que Gentil e Atílio são a mesma pessoa. Dona Xepa Record 22:10 Rosália diz a Vitor que Isabela pediu que ele seguisse com a vida. Édison descobre que Rosa é Rosália. Benito e Xepa combinam de vender congelados. Rosália dá parte do dinheiro do terreno para ajudar a construir a empresa de Benito. Saramandaia Globo 23:00 Dona Redonda e Aparadeira vendem acessórios com o nome do padroeiro da cidade. Leocádia fica aflita ao saber que seu neto possui um problema. Tiago vê Vitória falando com Zico e vai tirar satisfações.

“Emoção Art.ficial”, quando arte e tecnologia se misturam - SescTv, 21h30 Episódio da série Artes Visuais mostra a exposição Emoção Art.ficial 6.0 - Bienal Internacional de Arte e Tecnologia, realizada pelo Instituto Itaú Cultural, com curadoria de Marcos Cuzziol. O evento traz obras de artistas plásticos que mesclam aos seus trabalhos sistemas de informação e dispositivos tecnológicos recentes, provocando emoção e possibilitando ao espectador interagir com a arte. O programa, com direção de Cacá Vicalvi, exibe obras criadas por artistas plásticos de diversos países e perfis.

«HORÓSCOPO • BÁRBARA ABRAMO » Áries 21/03 a 20/04 Nos próximos sete dias um desafio se impõe: o de somar liberdade criativa e controle das finanças. Encargos pesados ou taxas inesperadas podem abalar um pouco as suas contas. Não será um período bom para se isolar nem bater o pé por questões menores.

Touro 21/04 a 20/05 É uma poderosa Lua crescente a de hoje para os taurinos que são fieis colaboradores e da mesma forma esperam lealdade de seus parceiros. Sociedades e parcerias podem se tornar asfixiantes ao ponto de você ter de romper com elas. A dignidade falará mais alto nesses momentos.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Embora contando com ótimo destaque para suas ações e feitos, é bom considerar, a partir de hoje, novos aliados e parceiros de trabalho e de vida, e mais flexibilidade na escolha dos mesmos. Esmere-se na comunicação e vá fundo na clareza esperada por todos.

Câncer 21/06 a 21/07 Como ocorre em toda mudança de fase lunar, você tende a se sentir um tanto tenso, com altos e baixos de humor hoje. Preserve-se! Nos próximos dias, projetos com amigos e entidades surgem e trazem novas paixões. Quanto está disposto a investir nelas é a questão.

Walcyr Carrasco não está muito feliz com os boatos que envolvem as tramas de seus personagens em “Amor à Vida”. Recentemente, o autor negou que Gina e Valdirene, interpretadas por Carolina Kasting e Tatá Werneck, respectivamente, sejam filhas de César, papel de Antonio Fagundes. Além disso, o autor garante que não pretende matar o dono do hospital San Magno e nem criar a ‘’polêmica’’ do “Quem Matou?”.

MEU MALVADO FAVORITO 2 (Livre, dublado) Moviecom 1. Sessões 14h20, 19h/ Cinemark 1. Sessões 12h45, 14h50, 17h10. A mente do crime Gru volta a ter pela frente seu inimigo Victor, enquanto tenta lidar com outro super vilão, El Macho, que possui um filho chamado Machito. A direção é de Pierre Coffin e Chris Renaud, e o roteiro foi escrito por Ken Daurio e Cinco Paul. O CONCURSO (12 anos, nacional) Moviecom 2. Sessões 14h35, 19h10/Cinemark 5. Sessões 12h50, 17h20, 19h20, 21h20, e 23h40 (só sáb) Quatro finalistas para uma vaga de juiz federal se conhecem no credenciamento e ficam amigos. Durante um fim de semana antes da prova, que deveria ser de descanso, situações hilárias e inimagináveis acontecem. Com Danton Melo, Fábio Porchat, Sabrina Sato, Carol Castro, Anderson De Rizz. Direção Pedro Vasconcelos. Red 2 – APOSENTADOS E AINDA MAIS PERIGOSOS (14 anos, legendado) Moviecom 2. Sessões 16h35, 21h15/Cinemark 7. Sessões 19h40, 22h10. Frank Moses (Bruce Willis) tenta levar uma vida normal ao lado da namorada, Sarah (Mary-Louise Parker), mas tem a tranquilidade abalada quando Marvin Boggs (John Malkovich) o procura dizendo que está sendo seguido. Apesar do apelo, Frank não dá atenção ao amigo. Não demora muito para que o carro de Marvin exploda de forma muito suspeita. Ao término do funeral Frank é levado

para um interrogatório, onde Jack Horton (Neal McDonough) diz que torturará Sarah caso ele não lhe dê algumas informações importantes. É o início de uma intensa perseguição, já que agora Frank é alvo de uma organização secreta chamada Nightshade. Direção Dean Parisot. Estreia VENDO OU ALUGO (14 anos, nacional) Moviecom 3. Sessões 15h20, 17h20, 19h25, 21h30/Cinemark 4. Sessões 13h30, 15h40, 18h, 20h, 22h. Bisavó, avó, mãe e filha dividem uma casa luxuosa próxima de uma favela, que elas não podem mais manter. Com a pacificação, na favela, possíveis compradores começam a aparecer, mas, durante uma visita, começa um tiroteio, e todos ficam presos dentro da casa. Direção Betse de Paula. Estreia CÍRCULO DE FOGO (12 anos, dublado/legendado) Moviecom 4. Sessões 15h10, 18h, 20h50/ Cinemark 1. Sessões 19h30, 22h20/Cinemark 2. Sessões (3D/leg) 15h50, 21h40/Cinemark 2. Sessões (3D/dub) 13h, 18h50. Quando legiões de criaturas monstruosas, conhecidas como Kaiju, começaram a emergir do mar, iniciou-se uma guerra que acabaria com milhões de vidas e consumiria recursos da humanidade por anos a fio. Para combater os gigantes Kaiju, um tipo especial de arma foi criado: robôs gigantes, chamados de Jaegers, controlados simultaneamente por dois pilotos que têm suas mentes trancadas em uma ponte neural. Um esquecido ex-piloto e uma inexperiente aprendiz se juntam para comandar um lendário Jaeger do passado. Direção Guillermo del Toro. Estreia OS ESCOLHIDOS (14 anos, dublado) Moviecom 5. Sessões 15h, 17h15, 19h30, 21h45. Daniel e Lacey levam uma vida pacata no subúrbio, até que seu filho Jesse passa a agir de maneira estranha e paranormal. A partir daí a vida de todos começa a mudar e uma série de acontecimentos misteriosos passam a fazer parte da rotina da casa. A família terá que lutar pela

Foi mal Os figurantes de luxo de “Amor à Vida”. Diversos personagens não possuem trama concreta e se tornam apenas mais um em cena, como Vera Zimmerman, Rodrigo Andrade, Álamo Facó, Paula Braum e Bruna Linzmeyer. ★★★

A Globo exibe, hoje, o amistoso entre Brasil e Suíça. ★★★

Nesta quarta, em “José do Egito”, José reencontra seus irmãos. ★★★

O SBT estreia, hoje, a série “O Mistério da Ilha – Harper’s Island”.

sua sobrevivência. Direção: Scott Stewart. OS SMURFS 2 (Livre, dublado) Moviecom 6. Sessões 14h25, 19h20/Moviecom 7. Sessões 14h15, 16h30, 18h45, 21h/Cinemark 6. Sessões 11h30 (sab/dom), 14h, 16h30, 19h10, e 21h30 (exceto ter/qui)/Cinemark 7. Sessões (3D) 12h25 (sab/dom), 14h55, 17h15. Após fracassar em sua caça aos Smurfs em Nova York, Gargamel partiu para Paris e lá se tornou um sucesso, sendo considerado o maior mágico do mundo. Entretanto, por trás dos shows lotados que faz na Opera está um plano para capturar os pequenos seres azuis. Direção Raja Gosnell. ★★★ MINHA MÃE É UMA PEÇA (12 anos, nacional) Cinemark 5. Sessões 15h. Dona Hermínia (Paulo Gustavo), uma mulher de meia-idade, aposentada e sozinha, tem como preocupação maior procurar o que fazer. Para uma mãe dedicada, a preocupação com os filhos é sempre uma ocupação. Mas os filhos de Dona Hermínia cresceram e agora ela está entediada. Sem um trabalho ou um companheiro, a nada simpática Dona Hermínia passa seu tempo desabafando com a tia idosa, a vizinha fofoqueira e a amiga confidente. Direção: Andre Pellenz.

ANTES DA MEIA-NOITE (14 anos, legendado) Cinemark 6. Sessões 21h30 (só ter/qui) Depois do último encontro em Paris, Celine e Jesse se encontram novamente por acaso na Grécia. Esse reencontro promete selar para sempre o destino desse casal. Direção: Richard Linklater. Estreia PERCY JACKSON E O MAR DE MONSTROS (10 anos, legendado) Sessões (3D) 0h (só sex/sab). Para salvar nosso mundo, Percy seus amigos deverão encontrar o poderoso e mágico Velocino de Ouro. Para isso, eles embarcam em uma perigosa odisseia nas águas nunca navegadas do Mar dos Monstros (conhecido pelos humanos como Triângulo das Bermudas). Direção: Thor Freudenthal.

Atenção: Este caderno não se responsabiliza pela mudança de horário e de preços de ingressos para os cinemas. Ambos são fornecidos pelas assessorias das redes Cinemark e Moviecom. Antes de ir ao cinema, certifique-se dos horários através dos telefones: Tel.: 3236 3350 (Praia Shopping) ou 3620-3530 (Midway Mall).

« DESTAQUES DE HOJE »

João Gilberto Noll, um escritor conduzido pela linguagem - TV Brasil/TVU, 22h O Impressões do Brasil destaca mais um ilustre escritor gaúcho: João Gilberto Noll. Ele recebeu inúmeros prêmios, incluindo o Prêmio Jabuti em cinco ocasiões, em 1981, 1994, 1997, 2004 e 2005. O escritor teve vários de seus contos adaptados para o cinema e faz parte da antologia dos cem melhores contos brasileiros. Em 1980, João Gilberto Noll publicou o livro de contos “O Cego e a Dançarina”, pelo qual recebeu diversos prêmios, como revelação do ano, da Associação Paulista de Críticos de Arte.

Disse me disse

Foi bem A reportagem do “Proteste Já”, do ‘’CQC’’, denunciando o descaso com pacientes com câncer. O quadro mostrou a dura realidade da negligência médica no país. Vale ressaltar o jogo de cintura e a boa condução de Guga Noblat durante a matéria.

« CINEMA »

Veridiana percebe o interesse de Taís por Cadinho

Sangue Bom Globo 19:00 Érico expulsa Fabinho de casa. Bento fica arrasado com o resultado positivo do exame de DNA. Palmira exige que Natan peça perdão à exmulher. Fabinho fica transtornado com a notícia de que Bento é filho de Plínio.

Ainda no começo da nova temporada, “Malhação” já investe em participações especiais. Nos próximos capítulos da trama de Ana Maria e Patrícia Morethezon, o cantor Thiaguinho aparece no bairro do Grajaú, Zona Norte do Rio de Janeiro, como convidado de uma festa de Maura, interpretada por Alexandra Richter. Após uma confusão, ele vai parar no casarão casa da Vera.

★ RUIM ★ ★ REGULAR ★ ★ ★ BOM ★ ★ ★ ★ ÓTIMO ★ ★ ★ ★ ★ EXCELENTE l ESTREIA

WOLVERINE: IMORTAL (14 anos, dublado/legendado) Cinemark 1. Sessões (dub) 16h25, 21h/Moviecom 6. Sessões (dub/3D) 16h40/Moviecom 6. Sessões (leg/3D) 21h35/Cinemark 3. Sessões (leg) 12h (sab/dom), 14h40, 17h30, 20h20, e 23h20 (só sab). No segundo episódio da franquia protagonizada pelo herói mutante, o X-man Wolverine viaja ao Japão para treinar com um mestre samurai. Direção: James Mangold.

Flor do caribe Globo 18:00 Lindaura conta a Samuel que Ester conseguiu a guarda de Laurinha. Quirino hesita, mas aceita se encontrar com Doralice, que pede ao marido que a ajude na adoção de Beatriz. Veridiana percebe o interesse de Taís por Candinho.

Só no gogó

Música na Mochila estreia segunda temporada Canal Bis, 19h O produtor musical Guto Guerra partiu para mais uma aventura em busca das diversas sonoridades ao redor do planeta nesta segunda temporada de Música na Mochila, que estreia hoje.Desta vez, a série vai revelar as paisagens sonoras do Japão, Rússia, Suécia, Índia, República Dominicana e Argentina. Guto Guerra tocou com artistas locais, assistiu a shows, visitou estúdios, escolas de música, gravadoras, boates, salas de concerto, lojas de discos e de instrumentos.

cinthialopes@tribunadonorte.com.br

Exibição do DVD inédito de padre Fábio de Melo Tv Canção Nova, 22h, A emissora exibe em primeira mão o DVD Queremos Deus, do padre Fábio de Melo, gravado no Centro de Evangelização Dom João Hipólito de Moraes, em Cachoeira Paulista (SP). O álbum é lançamento da gravadora Sony Music, com 23 faixas entre sucessos antigos e músicas inéditas, inclusive uma feita para o Papa Francisco - “Seja bem-vindo!”. É o primeiro trabalho do sacerdote gravado com um grande público, cerca de 50 mil pessoas. Participam os cantores Walmir Alencar, Eugênio Jorge, Ziza Fernandes, Celina Borges.

‘Há quanto tempo que te amo’ é atração da Mostra Internacional - TV Cultura, 22h45 Indicado ao Globo de Ouro 2009 nas categorias Melhor Atriz (Kristin Scott Thomas) e Filme Estrangeiro, filme de Philippe Claudel conta a história de Juliette, uma mulher que passou 15 anos na cadeia por ter sido condenada pelo assassinato do filho de 6 anos. Ao saír da cadeia, ela reencontra a irmã mais nova, Léa. Léa não via Juliette desde criança e após a prisão da irmã passou a ser criada como filha única. Agora ela se sente na obrigação de reintegrá-la na família e na sociedade.

LUA CRESCENTE em Escorpião determina foco em contas públicas e governo federal Leão 22/07 a 22/08 Até agora, você seguia sem grandes obstáculos adiante. Com a crescente lunar de hoje, começa um período em que terá de dar mais satisfações aos outros. Os familiares, em especial, podem exigir mais de você. O rancor e a mágoa serão péssimas conselheiras nestes assuntos.

Virgem 23/08 a 22/09 Clima astral um tantinho turbulento entre hoje e amanhã, mas você saberá se adaptar! É que a crescente lunar força pela solução de conflitos entre administração e aplicação de recursos. No seu caso, admitir que quer mais privacidade é mandatório. Ciumentos existem!

Libra 23/09 a 22/10 Por mais que você queira seguir com uma associação ou uma entidade, ou com amigos em uma direção, agora com a Lua crescente em Escorpião é preciso checar se elas se harmonizam com seus valores, e se há dinheiro pra seguir com elas. Dúvidas remontam ao passado.

Escorpião 23/10 21/11 É no seu signo que a crescente lunar de hoje acontece, colocando na berlinda a sua saúde e seus estados emocionais. O desafio dos próximos dias é manter a honradez e seu lugar na sociedade e no trabalho, mas respeitando as suas necessidades. Emoção e razão em choque.

Sagitário 22/11 a 21/12 Um dia pra você se resguardar, ficando um tanto à margem do que se passa na cena social. A crescente lunar pede isolamento, meditação e reflexão sobre o passado. O objetivo é se desfazer de mágoas e rancores passados. O amor reserva um desafio maior.

Capricórnio 22/12 a 20/01 Boa para você a nova fase lunar, prometendo sete dias especiais para focalizar mais nos meios de expressão, melhorar sua comunicação com as pessoas! Notícias e informações novas, pesquisas e descobertas podem dar o que pensar, mas chegam na hora certa.

Aquário 21/01 a 19/02 Difícil temperar as demandas dos clientes com seus objetivos maiores? Está cansado de negociar centavos com seu parceiro para conseguir realizar o que quer? Pois com a crescente lunar de hoje surgem sete dias pra rever estes joguinhos de controle.

Peixes 20/02 a 20/03 Este tem sido um mês em que está sendo forçado a rever seu cotidiano, a rotina e a relação com subalternos e empregados. A partir de hoje, novas adaptações se impõem. O tema é controle, e como aplicar melhor seu dinheiro nisso. No amor, cobranças.


Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

viver

Quem desembarcou pela segunda vez na Terra de Santa Luzia foi a Miss Brasil 2010, Débora Lyra. Em 2011, ela esteve na cidade prestigiando o concurso Miss Rio Grande do Norte, e agora, veio para participar da 5ª Feira de Beleza de Mossoró, abrindo o evento no domingão, 11, no Hotel Villa Oeste. Além de Débora, foi confirmada a presença do ex-BBB, Yuri Fernandes, que não compareceu no evento por motivos de saúde.

Mérito Numa indicação feita pelo ministro Emmanoel Pereira, o empresário potiguar Antônio Gentil vai receber a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho em solenidade, hoje, em Brasília/DF, pela sua excelente atuação no segmento do varejo e franchising. A condecoração é uma iniciativa do Tribunal Superior do Trabalho (TST) através do presidente do TST, Carlos Alberto Reis de Paula.

Marionetes O estilista Fause Haten reunirá designer, amigos e formadores de opinião para a abertura da sua exposição inédita "O Maravilhoso Mundo do Dr. F", onde revelará peças de seu aplaudido desfile da última SPFW. Marionetes e roupas de alta-costura em miniatura, que serão mostradas pela primeira vez ao público de São Paulo. A abertura será hoje no Morumbi Shopping com a discotecagem de Johnny Luxo. A exposição ficará aberta ao público no período de 15 e 25 deste mês.

Fórum

GEORGIANO AZEVEDO

Boanerges Gaeta Júnior, responsável pela organização do Miss Brasil, posando com as belíssimas: Gabriela Markus, Cristina Alves, Larissa Costa e Kelly Fonseca em dia de coroação da Miss RN 2013

Workshop Hoje vai rolar no Hotel Villa Oeste o workshop “Rio Grande do Norte A Flor do Caribe”, hoje, com expositores privados e institucionais, distribuição do material do RN, seguido de um almoço de encerramento promovido pela a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Norte (ABIH/RN).

Violonista espanhol realiza recital

TODAS AS SEXTAS NA TRIBUNA DO NORTE

O curso de Direito da UnP realiza hoje o II Fórum de Carreiras Jurídicas, visando esclarecer os alunos sobre as atividades profissionais inerentes à área. Na ocasião, além de palestras ministradas pelo Presidente da OAB-RN, advogado Sérgio Freire, pelo Juiz Federal Janilson Siqueira, e pelo Procurador de Justiça Estadual Herbeth Bezerra, haverá a premiação dos vencedores do Concurso de Petição realizado no semestre passado entre os estudantes do curso.

Congresso

{

motores

Save the date!

Luana Vieira aniversariante linda de hoje. E dá-lhe Pau dos Ferros

« MÚSICA »

autos &

Média, enquanto o Dr. Pedro Guilherme fala sobre Cirurgia Endoscópica de Ouvido.

Débora Lyra, Miss Brasil 2010, em passagem por Mossoró posando com a nossa GLAM Nº 14. Linda!

TRAFEGANDO.COM

Luz na passarela

georgeazevedo@tribunadonorte.com.br

A Associação dos Profissionais da Área de Beleza (APAB/RN) contabiliza o sucesso da quinta edição da Feira da Beleza de Mossoró e Região que atraiu grande público para o Hotel Villa Oeste, nos dias 11 e 12 deste mês. Na ocasião foram oferecidos cursos e palestras, além da presença de vários profissionais reconhecidos nacionalmente, como Rodrigo de La Lastra, Paulo Araújo e Rodrigo Chagas, todos de São Paulo.

George Azevedo

Feira da Beleza

A Escola de Música da UFRN recebe nos dias 15 e 16 de agosto o violonista espanhol Jaime Velasco. O músico vem ministrar master class gratuito e apresentar recital. O recital será amanhã, às 19h30 no auditório Oriano de Almeida. No repertório peças de Esteban Sanz Vélez, Bach, Manuel de Falla e também de sua própria autoria. Jaime Velasco nasceu em Santander na Espanha e começou a tocar violão aos oito anos de idade.

}

3

Os otorrinolaringologistas Pedro Cavalcanti, Pedro Guilherme e Haroldo Bezerra, da Clínica Pedro Cavalcanti, embarcam para Campos do Jordão-SP, onde participam do 12º Congresso da Fundação Otorrinolaringologia (FORL), que tem início amanhã, 15, e segue até o próximo dia 17. Dentro do painel “Técnica Cirúrgica em Cirurgia Endoscópica Endonasal”, o Dr. Pedro Cavalcanti aborda os Princípios da Turbinectomia,

A cantora Preta Gil está com passagem marcada para cantar em solo potiguar. O show que mostrará os sucessos do DVD Noite Preta e as canções do álbum “Sou como sou” será na Boate Vogue. Preta, é a grande atração do aniversário da boate que provavelmente vai durar dois dias como nos anos anteriores. Ela promete agitar o público no dia 19 de outubro.

Audiência Atendendo pedido do vereador Francisco Carlos, a Câmara Municipal de Mossoró vai realizar uma audiência pública, hoje, com o intuito de discutir melhorias para a educação municipal, onde também será apresentado sugestões para o orçamento da Prefeitura de Mossoró de 2014. O encontro vai reunir profissionais da Educação, autoridades, senhores vereadores às 9h no Plenário da Câmara.

» RAIO X » eee A Musa do Verão 2013,Júlia Bandeira,foi a grande sensação no encerramento da Feira da Beleza de Mossoró e Região a convite de Hélia Maia,no estande da Clinbem. eee As bonecas vestidas com as peças de Fause Haten na exposição "O Maravilhoso Mundo do Dr.F", homenageiam ícones do mundo da moda,entre eles,as mais importantes modelos brasileiras,como Gisele Bündchen. eeeParabéns para o jornalista Paulo Araújo, Luana Vieira,Thiago Geudy,Taynara Coutinho e Glenda Negreiros, que mudam de idade hoje.

Médico sanitarista Joaquim Luz ganha livro de memórias « LANÇAMENTO » Escritor José Eduardo Vilar Cunha autografa seu novo livro “Joaquim Luz - Memórias”, hoje na Academia de Letras FOTOS: DIVULGAÇÃO

O

jornalista e escritor José Eduardo Vilar Cunha lança nesta quarta-feira o livro “Joaquim Luz – Memórias”, a biografia de um dos nomes referenciais da medicina potiguar. O lançamento será na Academia NorteRio-Grandense de Letras, às 18h. O livro é o volume três da Coleção Enélio Petrovich, e também celebra os 54 anos da União Brasileira dos Escritores – UBE/RN. O sanitarista, ginecologista e professor Joaquim Luz Cunha viveu uma época de ideologia e romantismo acerca da profissão de medicina. O livro de Eduardo Vilar procura contar essa história, ilustrada com fotos da época, dados biográficos e uma reunião de textos sobre o médico que foram publicados na imprensa local ao longo de mais de 50 anos de profissão. Joaquim Luz nasceu em Martins e se formou em medicina no Recife em 1937. Foi um dos fundadores das faculdades de farmácia e medicina de Natal. Foi também diretor da Maternidade Januário Cicco e da faculdade de medicina local. Dirigiu o Centro de Saúde de Natal, presidente da Junta Médica Federal, e atuou também como secretário de saúde do Estado no governo de Sylvio Pedroza. Em entrevista à TRIBUNA DO NORTE em 1997, Joaquim Luz declarou: “O exercício da medicina para mim é um apostolado. O profissional deve se dedicar sem preocupação de lucro. Nunca faturei como hoje os médicos costumam. Hoje a medicina é diferente, os médicos se preocupam mais em ganhar dinheiro.” Serviço: Lançamento de “Joaquim Luz – Memórias”, de José Eduardo Vilar Cunha. Quarta, às 18h, na ANL-RN. Onde: Rua Mipibu, 443 - Petrópolis.

Lançamento celebra 54 anos da União Brasileira dos Escritores

Livro de Carlos Henrique Souza sai pela Sapiens Editora

‘Duas Filhas, Dois Pais’ será lançado hoje na Saraiva Há cinco anos, o psicólogo Carlos Henrique Souza da Cruz e o seu companheiro Wagner da Matta Pereira viraram protagonistas de um evento que se tornou um marco na história social do país: eles foram o primeiro casal homossexual a obter na Justiça o direito de adotar duas crianças, em cujas certidões de nascimento passaram a constar os nomes de dois pais. Na época, a história de desafios e lutas de Carlos e Wagner, até à conquista no plano legal, foi narrada em um livro que agora chega à sua 2ª edição acrescido de novos conteúdos e reflexões proporcionados pela experiência. A obra sai pela Sapiens Editora e será lançada hoje em Natal, na livraria Saraiva do Midway Mall, às 19h. Duas Filhas, Dois Pais traz a história da adoção de duas meninas pernambucanas, o primeiro caso efetivo de adoção conjunta realizado por um casal homossexual no Brasil, que gerou jurispru-

ì O QUE O livro traz a história da adoção de duas meninas pernambucanas, o primeiro caso efetivo de adoção conjunta realizado por um casal homossexual no Brasil

dência e abriu as portas para que outros tantos casais em igual situação possam exercer seu direito à paternidade. A obra também oferece uma resposta, rica de contribuições, ao entendimento e à evolução de um novo tipo de organização familiar. Narra aconcretização de um futuro que se tornou presente ao dar visibilidade e legitimidade à família composta por pessoas do mesmo sexo.


4

viver

Natal • Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013 JOÃO NETO

Amanhecendo em idade nova, com os cumprimentos da coluna: engenheiro Sílvio Bezerra, Wilson Dantas, Nando Queiroz, Eliana Ferreira, Paulo Araújo, Milena Martins, Santiago Júnior e Suerda Rodrigues.

No altar William Maribondo Vinagre Filho e Madalena Maria de Carvalho Vinagre, Dirceu Victor Gomes de Hollanda e Margarida Monte de Hollanda assinam o convite para a cerimônia do casamento de seus filhos Priscilla e Fábio, a realizar-se às 20 horas do dia 20 de setembro, no Versailles Recepções – Cidade Jardim, onde, após a cerimônia, os noivos recepcionarão os convidados.

Circulando na noite natalense: Gutinho Tinôco, Pedro Oliveira, Adriana Oliveira, Sérgio Pacheco Melo, Ana Macedo, Lilian Lombardi

Em noite de amigos, os papos de Jurema Cansanção, Janaína/Fernando Jales, Felinto Filho/Heloísa BOBFLASH

jotaoliveira@tribunadonorte.com.br

Parabéns!

Jota Oliveira

Melissa em coro de parabéns para o amado Sílvio Bezerra trocando de idade hoje

J.O

J.O

Dr. Ivis Bons papos, regados a um bom tinto, formavam mesa na noite natalense sexta passada, os casais Ivis Bezerra/Raissa, Pancrácio Madruga/Jane, Paulo Frassinetti/Ceiça. ABCedistas e Americanos na democracia do futebol local.

Não confunda a elegância com a marca da roupa. A elegância é o corpo em harmonia com a alma, combinando com amor”

Duetos

Descaso

O produtor potiguar João Santana, amigo de Wilson Simonal, fez homenagem ao cantor com o projeto ‘Abraça Simonal’, onde Pery Ribeiro canta duetos com nomes da música brasileira como Elza Soares, Alcione, Fagner e a poty Marina Elali. O CD duplo pode ser encontrado na Banca Cidade do Sol.

O mato invade a calçada na Via Costeira, impedindo a circulação dos pedestres e ciclistas, sem nenhuma providencia do órgão responsável pela manutenção daquela via.

Movimento

DESCONHECIDO

Força Grupo Trocando a noite de Pipa pela natalense, depois do show de Maria Gadú, sexta passada, Gutinho Tinoco comandava grupo formado pelo ator/diretor Pedro Oliveira, Adriana Oliveira, Ana Maria Macedo, Lilian Tropardi e Sérgio Pacheco Melo. Uma noite de descontração e muiiita resenha.

Sea-Doo A praia de Pipa foi cenário do 1º Passeio Sea Doo PG Prime. Cerca de vinte pilotos de moto aquática participaram do evento que foi sucesso.

A Formule lançou o colágeno tipo 2, que ajuda a manter as articulações saudáveis, pois repõe a cartilagem perdida com a idade e excesso de atividade física, promovendo mais mobilidade e flexibilidade.

Nos agitos da city, Marcela Simonetti e Felipe Morquecho BOBFLASH

Se Ligue!

Mérito O empresário Antônio Gentil será agraciado, hoje, com a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho. Com cerimônia na sede do TST, em Brasília, ele receberá a comenda por sua atuação no varejo e franchising.

Inauguração do Instituto de Radiologia Parnamirim, das 9h às 18h.> Lançamento do livro ‘Joaquim Luz – Memórias’, às 18h, na Academia NorteRiograndense de Letras.>

Na balada, Henrique Abreu e Carol Bezerra

Em nosso blog, na seção GFK: Impressora 3D já é vendida em lojas brasileiras.> China ‘clona’ marcos turísticos ocidentais.> Governo adia leilão do trem bala pela 3ª vez.> Youtube faz 1ª parceria com TV no Brasil.> Viagem sem volta a Marte faz sucesso.> Na seção Fashion: Gap desembarca no Brasil em setembro.>

Toque Livros & Cultura CARLOS DE SOUZA [ fcarlos@tribunadonorte.com.br ]

A

primeira indicação de leitura de hoje é Chefão: Como Um Hacker Se Apoderou do Submundo Bilionário do Crime Cibernético, de Kevin Poulsen, Editora Alta Books, 288 páginas, R$ 49,90. Mago do submundo virtual, ele invadiu o sistema do Pentágono, passou a ser informante do FBI e roubou milhões de dólares de usuários de cartão de crédito. A história verídica de Max Butler é contada neste livro. O autor é o ex-hacker Kevin Poulsen, considerado um dos melhores repórteres investigativos do cenário cibernético do mundo. Chefão insere o leitor na guerra silenciosa entre golpistas geniais e a elite da inteligência policial internacional, graças aos poderosos acessos do escritor. Em 288 páginas, Poulsen revela a imensidão da fraude on-line, detalhando o funcionamento de diversos ataques e traçando os caminhos complexos de transformação de dados roubados em fortunas incalculáveis. Nos anos 1990, sob a alcunha Iceman, o jovem Max Butler foi responsável pelo roubo de dados de aproximadamente dois milhões de cartões de crédito e, ao lado do parceiro Chris Aragon, gastou mais de 86 milhões de dólares em transações fraudulentas. Preso em 2007, Butler foi condenado a 13 anos de prisão, a maior pena já aplicada a criminosos virtuais. Aquela não havia sido a primeira prisão de Butler. Os problemas com a justiça começaram na época de colégio, em Boise, cidade em Idaho, nos Estados Unidos, quando desafiou tanto a comunidade de hackers quanto os órgãos do governo americano. Filho de um proprietário de loja de computadores, Max era um garoto prodígio em tecnologia; aos oitos anos, programava softwares sim-

ples. Na universidade, descobriu que a namorada lhe traia na internet e acabou preso por tentativa de homicídio. Após cinco anos na cadeia, foi recomeçar a vida no Vale do Silício, antes do estouro da bolha das empresas.com, mas continuou levando uma vida dupla, usando nomes falsos para fazer o que mais lhe dava prazer: testar sua habilidade como hacker. Após uma ação judicial por pirataria na internet, passou de criminoso a informante do FBI. Butler usava seus conhecimentos para produzir relatórios sobre ameaças de hackers para a polícia americana e corrigir falhas de segurança. Mas não resistiu, continuou invadindo sistemas, como o do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, em 1998. Ainda assim, em vez de ir para a prisão, passou a trabalhar para o FBI caçando hackers iguais a ele e não mais produzindo relatórios. Max, porém, não aproveitou a oportunidade por não querer entregar os “colegas”. Preso novamente, conheceu um golpista que lhe apresentaria a Chris Aragon, especialista em fraudes com cartão de crédito. Após ser solto, Max então partiu para uma carreira de infrações até ser condenado mais uma vez, em 2007. KevinPoulsenéeditordenotícias do portal da revista Wired e comanda o premiado blog Threat Level sobre privacidade, crime e segurança on-line.Em2009,foiindicadoaoHall da Fama Digital da MIN (Media Industry Newsletter) por jornalismo on-line. Em 2010, foi votado como umdos“MelhoresJornalistasdeSegurança Cibernética” por seus colegas de profissão. Ex-hacker, ganhou notoriedade após ter invadido as linhas telefônicas de uma rádio americanaparaganharumconcursoque dava um Porsche. Chegou a integrar a lista dos mais procurados do FBI. Foi foragido por 18 anos, sendo cap-

Relacionamento

Crimes, crises e o amor FOTOS: DIVULGAÇÃO

Os dois filósofos lançam um apelo à inteligência humana e, acima de tudo, àquela do coração, para fazer da crise a oportunidade de uma metamorfose.” turado depois de uma armadilha cinematográfica montada pela políciadeLosAngeles.Em1991,foicondenadoacincoanosdeprisão.Após tercumpridoapena,Poulsensetornou jornalista especializado em segurança na internet.

Filosofia A segunda indicação de hoje é Como Viver em Tempo de Crise? de Edgar Morin e Patrick Viveret. Tradução de Clóvis Marques, Editora Bertrand Brasil, 80 páginas, R$ 19,00.

Dois anos após a crise financeira de 2008, não existe mais motivos para analisar-se os porquês, mas sim, fazer o balanço final entre os seus efeitos sociais e o inventário das possibilidades inéditas que ela proporciona. Diante da tensão que o mundo atravessa, é necessário notar que um ciclo está chegando ao fim e que uma nova ordem se descortina. Nesse período crítico, quando os desafios cruciais são também os piores possíveis, deve-se guardar na alma esta certeza: o improvável sempre pode acontecer. Considerando a urgência da situação, Edgar Morin convida o leitor a compreender o mundo na sua complexidade. Já Patrick Viveret, para quem “a ideia de que o mal impede a humanidade de tratar a sua própria barbárie”, propõe o diálogo das civilizações no que elas têm de melhor. Os dois filósofos lançam um apelo estimulante à inteligência humana e, acima de tudo, àquela do coração, para fazer da crise a oportunidade de uma metamorfose.

Em Como Viver em Tempo de Crise?, o momento obscuro atual é analisado e esclarecido por esses dois grandes intelectuais, que sempre puseram sua obra a serviço da compreensão do mundo e da abordagem das questões que a contemporaneidade suscita. EdgarMorinéumdosmaisimportantes pensadores contemporâneos, além de antropólogo, sociólogo e filósofo. Publicou, pela Bertrand Brasil, Meus Demônios, Meu Caminho, Cultura e Barbárie Europeias, A Cabeça Bem-feita, A Religação dos Saberes, O Mundo Moderno e a Questão Judaica, Ciência com Consciência, Amor Poesia Sabedoria, Rumo ao Abismo?, Edwige, a Inseparável, A Via e, com Stéphane Hessel, O Caminho da Esperança. Patrick Viveret é filósofo do Instituto de Estudos Políticos de Paris. Teórico inovador, trata de temas como a globalização e a democracia. Participa ativamente, desde 2001, dos Fóruns Sociais Mundiais. Este é seu primeiro livro pela Bertrand Brasil.

Para encerrar indico Primeira Manhã, de Jean-Claude Kaufmann,TraduçãodeGiseliUnti,Editora Bertrand Brasil, 256 páginas, R$ 34,00. Na sociedade ocidental, o amor ocupa lugar de destaque. A temática do típico casal que se apaixona e descobre a felicidade está na literatura, no cinema, nas artes, no imaginário. Nesta obra, o autor retira o amor de sua posição de conforto, joga-o sob o olhar da sociologia e o analisa em suas cores mais obscuras, mostrando sem máscaras alguns dos detalhes mais particulares desse sentimento no início de uma história a dois. O livro não analisa uma manhã calma e, menos ainda, a promessa de uma longa história de amor. Do despertar ao café da manhã, passando pela toalete matinal, os protagonistas são expostos a múltiplos questionamentos. Questionamentos que o sociólogo leva a sério, ainda que ultrapasse as fronteiras do escatológico. O autor não questiona o encontro, mas os mitos e as representações usuais que surgem com intensidade. Entre as entrevistas que Kaufmann realizou, muitas histórias começaram sem grandes expectativas e tornaram-se grandes histórias de amor. Segundo Jean-Claude Kaufmann, “as pessoas não devem hesitar em mergulhar a fundo, viver plenamente os momentos. A primeira manhã é um dos momentos raros onde o amanhã está em aberto, onde não estamos a reproduzir esquemas. É necessário se comportar como se não houvesse problemas, mesmo que, é claro, eles existam. É aí que reside toda a dificuldade”. Jean-Claude Kaufmann é sociólogo, diretor de pesquisa no Centre de Recherche Sur Les Liens Sociaux.


TNNO

TN NO ENEM É UM SUPLEMENTO DA TRIBUNA DO NORTE. NÃO PODE SER VENDIDO SEPARADAMENTE.

Natal • Rio Grande do Norte • Quarta-feira • 14 de agosto de 2013

CA I T Á M E MAT E SUAS S GIA O L O N C TE XX

NESTA EDIÇÃO Projeto de lei prevê Residência Pedagógica para professores do ensino básico UFRN abre processo seletivo para novas vagas residuais


Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

2

dicas do enem [ robertolucena@tribunadonorte.com.br]

Psicologia 1 A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou, no último dia 10, proposta que garante atendimento por profissionais de psicologia e serviço social aos alunos das escolas públicas de educação básica. A medida está prevista no Projeto de Lei 3688/00, do ex-deputado José Carlos Elias.

TNNO

UFRN abre processo seletivo para novas vagas de graduação « ENSINO SUPERIOR » São 391 vagas distribuídas em Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Macaíba ALDAIR DANTAS - 13/04/2011

Psicologia 2 Pela proposta, equipes com profissionais dessas disciplinas deverão atender aos estudantes dos ensinos fundamental e médio, buscando a melhoria do processo de aprendizagem e das relações entre alunos, professores e a comunidade escolar.

Mais Educação A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) participou da Reunião Técnica com os Coordenadores do Programa Mais Educação junto à Secretaria de Educação Básica (SEB) do Ministério da Educação (MEC), em Brasília. O evento, realizado na última semana, teve como objetivo discutir a construção de uma Política de Educação Integral no Brasil fomentada por meio do Programa Mais Educação.

Letras E hoje, a UFRN realiza, no auditório da Secretaria de Educação a Distância (SEDIS), a aula inaugural do Programa de Mestrado Profissional em Letras (PROFLETRAS). José Fernandes de Lima, presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE), ministrará a aula. O PROFLETRAS é oferecido em rede nacional, sob a coordenação da UFRN, e conta com a participação de 42 Instituições Federais de Ensino Superior, visando a formar professores do Ensino Fundamental no ensino da Língua Portuguesa.

Livros A Campanha de Livros rea-

lizada pela comunidade acadêmica da Universidade Federal Rural do semiárido (Ufersa) encerrou com resultado acima do esperado. A doação de livros em prol da construção do acervo bibliográfico da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negocio e da Penitenciária Federal arrecadou 2.045 livros, 1.050 revistas e 431 exemplares na categoria diversos. A campanha que tinha a meta de arrecadar 500 livros e uma média de 200 revistas encerrou com um total de 3.526 títulos, um número cinco vezes maior do que o objetivo traçado inicialmente. A entrega das doações na penitenciária ocorreu no dia 12.

IFRN em Apodi 1 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) campus de Apodi pode, já em 2014, contar com novos cursos . Pelo menos é o interesse do Ministério da Educação, segundo o diretor de Desenvolvimento da Rede Federal de Educação Profissional Tecnológica, Aléssio Trindade. Durante reunião com a deputada federal Sandra Rosado, o diretor disse que a solicitação da parlamentar já está sendo analisada pela equipe executiva do ministério.

IFRN em Apodi 2 A Indicação 4977/2013 sugere oferta de cursos de graduação em Ciência da Computação, Direito, Enfermagem, Gestão Ambiental, Turismo, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Ciências Contábeis e Engenharia de Petróleo e Gás.

Universidade Federal do Rio Grande do Norte abre processo de reocupação de vagas residuais

A

Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve), abre processo seletivo para a reocupação de vagas residuais da instituição. Serão oferecidas 391 vagas distribuídas entre as graduações de Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Macaíba. Poderão participar os estudantes com vínculo ativo em curso de graduação de instituição nacional de ensino superior e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC); portadores de diploma de conclusão de gradua-

ção reconhecida pelo MEC; exalunos da UFRN que tiveram o programa cancelado por abandono de curso ou por decurso de prazo máximo entre 2009.1 e 20012.2, para o mesmo curso, cidade, modalidade e habilitação. Cada candidato terá direito a apenas uma inscrição, que deverá ser realizada de 21 de agosto a 9 de setembro, pelo site da Comperve (www.comperve.ufrn.br). A taxa de inscrição será no valor de R$30 e o candidato deverá preencher o formulário de inscrição, possuir Cadastro de Pessoa Física (CPF) e documento de identificação.

A divulgação dos locais de realização das provas estará disponível, na página da Comperve, no dia 25 de setembro. Já aplicação dos exames ocorrerá em 29 de setembro, simultaneamente em Natal, Caicó, Currais Novos e Santa Cruz. O processo seletivo será composto por uma prova objetiva sobre Português e Matemática, além de uma redação e uma prova de títulos. Para conferir a lista dos cursos disponíveis, basta acessar o edital da seleção disponível no site da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd): www.prograd.ufrn. br.


TNNO

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

CGU denuncia má gestão de recursos da educação básica « FISCALIZAÇÃO » Levantamento em quatro Estados e

120 municípios descobriu casos de salários abaixo do piso nacional e despesas incompatíveis

ELZA FIÚZA /A BR

U

m relatório de avaliação de programas de Governo da ControladoriaGeral da União (CGU) aponta irregularidades na gestão de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O levantamento mostra que nos quatro estados e 120 municípios avaliados foram detectados casos de salários abaixo do piso salarial e despesas incompatíveis. O Fundeb, criado em 2006, redistribui recursos públicos da educação para o aluno. O estudo divulgado revela que o programa foi escolhido em razão do “seu alto número de denúncias, por movimentar um grande volume de recursos e por já ter apresentado falhas graves na execução dos recursos, como falta de comprovação documental de despesas e fraudes nos procedimentos licitatórios”. O levantamento aponta que das 124 fiscalizações feitas, apenas em 83 foram verificadas a utilização do mínimo de aplicação de 60% dos recursos na remuneração dos professores. O índice demonstra a adoção de “procedimentos inadequados” quanto ao cumprimento do pagamento dos magistrados. Também foram observadas nas fiscalizações, que os processos de aquisições apresentaram “graves ocorrências de diversas irregularidades”. De todas as unidades fiscalizadas, 49 obtiveram falhas como montagem, direcionamento e simulação de processos licita-

Mercadante defende parceria com CGU para fiscalizar verbas

tórios. Outras 28 apresentaram falhas diversas na execução dos contratos. Em 12, foram encontradas despesas com preços acima da média do mercado. O estudo destaca ainda, que em 69,35% dos municípios foram verificadas despesas incompatíveis com o objetivo do Fundeb. Os índices também apontam que 73,75% dos entes fiscalizados cometeram falhas nos processos licitatórios. Em 25% dos entes analisado foram encontradas irregularidades nos contratos. A CGU informa que a “constatação de inconsistências na realização de despesas e graves ocorrências de diversas irregularidades nos processos de aquisições, demonstra incompatibilidade en-

tre despesas e os objetivos do programa”. O levantamento ressalta também que é necessário aperfeiçoar a legislação e dar maior monitoramento para evitar a “fragilidade no controle da aplicação dos recursos”. Em nota, o Ministério da Educação defende que “qualquer irregularidade deve ser apurada e punida com rigor”. O comunicado destaca também que os recursos do Fundeb “não são do Ministério da Educação, são de fundo com transferência constitucionalmente definida como obrigatória e automática para estados e municípios”. No entanto, o ministro Aloízo Mercadante defende a parceria com a CGU para maior fiscalização e controle dos gastos públicos.

3

« INDICADORES »

Educação avança em pequenos municípios Acesso à escola eleva qualidade do ensino e desenvolvimento humano municipal s três cidades com maior avanço no componente educação do Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) de 1991 a 2010 estão no Tocantins, Maranhão e Piauí. Os três municípios, Ribamar Fiquene (MA), Capitão Gervásio Oliveira (PI) e Monte Santo do Tocantins (TO) têm menos de 10 mil habitantes e 30 escolas, entre rurais e urbanas. Em 20 anos, o componente educação cresceu mais de 4 mil vezes nos três casos. Saiu de 0,01 e passou para 0,527 na cidade maranhense; 0,464 na piauiense e 0,547 na tocantinense. Apesar do salto, ainda estão em níveis baixo ou muito baixo e estão entre os 45% piores resultados identificados no IDHM Educação. O município Capitão Gervásio Oliveira não conseguiu cumprir nenhuma das metas para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) desde 2007. Pelos últimos dados disponíveis, em 2011, no 5º ano do ensino fundamental, o município registrou Ideb de 3,3, da meta estipulada em 3,9. No 9º ano, o Ideb foi 3,0 (meta 3,7). O Ideb brasileiro equivale a 5,0 nos anos iniciais e 4,1 nos anos finais do ensino fundamental. O índice do Ministério da Educação (MEC) é calculado com base no desempenho e na aprovação dos alunos. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Capitão Gervásio de Oliveira registra cerca de 900 matrículas no ensino básico. Zenaide Lopes da Silva que é professor há 25 anos e diretor de uma unidade escolar do município diz que o grande problema é a falta de interesse dos estudantes. A escola tem 250 alunos, quase um terço das matrículas do município.

A

Pelos dados da Prova Brasil 2011 disponibilizados pelo portal QEdu: Aprendizado em Foco uma parceria entre a Meritt e a Fundação Lemann, organização sem fins lucrativos voltada para educação – dos estudantes do 5º ano, 7% aprenderam o conteúdo de matemática adequado para o período e 21% o adequado em português. Os cálculos são baseados em meta estabelecida pelo movimento Todos pela Educação. “O acesso à escola melhorou muito. Mas o interesse dos alunos não. Há 20 anos o pessoal tinha mais interesse em aprender. Eu comecei a dar aula em uma turma multiseriada de 60 alunos. Alfabetizava a turma toda sozinho e eles queriam aprender. Hoje não é mais assim”, diz Silva. O diretor aponta a falta de estrutura e material didático apropriado como fatores que levam a essa falta de vontade de estudar. Segundo ele, a escola está sem 50 livros para usar nas salas de aula desde o começo do ano. Dados do Censo Escolar de 2011, também disponibilizado pelo QEdu mostram que a escola dirigida por Silva não tem biblioteca, laboratório de informática, laboratório de ciências ou quadra de esportes. “A estrutura é péssima. Não temos espaço para educação física, os professores ficam enrolando porque não tem espaço. As salas são pequenas e parecem um presídio, sabe? As janelas são muito altas e pequenas. Aqui faz muito calor, estamos no semiárido, se tivesse um ar-condicionado os alunos iam ficar mais confortáveis”, analisa o diretor. Monte Santo do Tocantins tem nove escolas e 430 matrículas. A cidade é pequena – a menor das três, com 2.085 habitantes. Ao contrário da cidade piauiense, pelos últimos dados disponíveis, em 2009, a cidade superou a meta do Ideb para o município e atingiu 3,9, da meta de 3,8 para o 5º ano do ensino fundamental e 4,3 (meta 3,5) para o 9º ano.


4

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

TNNO

MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS « MATEMÁTICA » Karlo e Paulinho

CONFIRA O GABARITO DESTE SIMULADO E OUTROS CONTEÚDOS SOBRE O ENEM 2013 NO SITE DA TN NO ENEM (WWW.TRIBUNADONORTE.COM.BR/ENEM)


TNNO

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

5


6

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

TNNO


TNNO

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

7


8

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

TNNO


TNNO

« UNIVERSIDADES »

USP participará do Enade de forma experimental Acordo tem duração de três anos e participação de estudantes não será obrigatória

A

Universidade de São Paulo (USP) vai participar de forma experimental do Exame Nacional Desempenho dos Estudantes (Enade). O acordo firmado entre a USP e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) tem duração de três anos. Na fase experimental, a participação dos estudantes no exame será voluntária e os resultados não serão divulgados. Além disso, nesse período, o desempenho no exame não terá consequências na vida acadêmica ou profissional do estudante. De

acordo com a USP, os alunos de cursos nas áreas de ciências biológicas e agrárias já participam da edição deste ano do Enade. Criado em 2004, o Enade compõe o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) e avalia o rendimento dos alunos dos cursos de graduação em relação ao conteúdo programático, habilidades e competências. A aferição é obrigatória para toda a rede federal e particular de educação superior e facultativa para as redes estaduais e municipais. Os resultados da avaliação serão usados pelo Inep no desenvolvimento de estudos e pesquisas sobre matrizes e instrumentos que compõem o Sinaes. Segundo o Inep, servirão, ainda, de subsídio aos conselhos superiores da USP na decisão por eventual participação efetiva no exame.

« INFORMÁTICA »

Metrópole Digital abre seleção para técnicos Inscrições vão até 3 de setembro e podem ser feitas na página da Comperve na internet

O

Instituto Metrópole Digital (IMD) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu seleção para o Curso de Formação Técnica em Tecnologia, para o ingresso em 2014, a ser realizado nos polos de Natal, Mossoró, Caicó (Ceres) e Angicos (UFERSA). As inscrições, abertas no último dia 5 de agosto, prosseguem até 3 de setembro e podem ser feitas pelo site do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve). Em Natal serão oferecidos os cursos de Informática para a Inter-

net, Redes de computadores, Eletrônica e Automação industrial; em Caicó e Angicos, Informática para a Internet; e em Mossoró, Informática para Internet, Rede de computadores e Eletrônica. Serão ofertadas 2.400 vagas e desse total, 70% serão para candidatos que cursaram integralmente o Ensino Fundamental em escolas públicas, das quais 50% serão preenchidas por estudantes com renda familiar bruta igual ou inferior a um salário-mínimo e meio e por uma proporção mínima igual a de autodeclarados como pretos, pardos e indígenas, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para participar, o candidato deve estar matriculado ou ter concluído o Ensino Médio e se encaixar em duas faixas etárias, que vão de 15 a 20 anos ou a partir de 21 anos.

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

9

Residência em pedagogia pode ser obrigatória « QUALIFICAÇÃO » Projeto de lei apresentado no Senado tem como objetivo melhorar a formação de professores do ensino infantil e fundamental realização de uma residência pedagógica, semelhante à residência médica oferecida aos estudantes de Medicina, pode tornar-se obrigatória para formação dos professores de educação básica. A proposta consta do Projeto de Lei do Senado (PLS) 284/2012, que deve ser votado pelos senadores da Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) nos próximos dias, segundo previsão do autor do projeto senador Blairo Maggi. O projeto acrescenta um parágrafo ao artigo 65 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996), com objetivo de melhorar a qualificação dos professores da educação in-

A

fantil e dos anos iniciais do ensino fundamental. A residência pedagógica funcionaria nos mesmos moldes da médica: uma etapa posterior à formação inicial, com duração mínima de 800 horas e bolsa de estudos. Para justificar a medida, Blairo Maggi argumentou que parte da dificuldade de alfabetização das crianças brasileiras com até oito anos de idade se deve às condições estruturais na formação dos professores. Dentre elas, o senador destacou o aumento de instituições de ensino de qualidade discutível. A matéria, que será apreciada em caráter terminativo pela comissão, teve voto favorável do relator, senador Ivo Cassol (PP-RO). Os

senadores reconhecem a má formação dos professores brasileiros, comprovada pelos sucessivos resultados insatisfatórios dos exames de avaliação de ensino. A qualificação e a adequada formação dos docentes constituem “pré-requisito” para o sucesso profissional no magistério, assim como para a obtenção de resultados acadêmicos relevantes pelos estudantes. O relator lembra ainda que profissionais da área se mostraram entusiasmados com a residência pedagógica, durante audiência pública promovida pela Comissão Educação em 2009, para debater a ideia – proposta anteriormente pelo ex-senador Marco Maciel. ADRIANO ABREU

Autor do projeto considera medida importante para melhorar processo de alfabetização de crianças


10

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

TNNO

Aluno de curso desativado terá apoio do Governo « ENSINO » Ministério da Educação institui política de transferência assistida para garantir continuidade dos estudos de alunos ADRIANO ABREU

E

m portaria publicada no último dia 2, o Ministério da Educação (MEC) instituiu a política de transferência assistida, destinada a assegurar a continuidade dos estudos dos alunos em caso de desativação de cursos ou descredenciamento de instituições de educação superior. A transferência assistida será realizada por meio de oferta pública, nas hipóteses de fechamento do curso ou da instituição por determinação do Ministério. A adesão ao processo, no entanto, é facultativa ao estudante, que pode optar pelo processo regular de transferência de um lugar para outro. Mesmo por meio da política de transferência assistida, o estudante terá de participar de processo seletivo específico da nova instituição para ingressar no curso. Por meio de edital, a ser publicado, o MEC convocará, para que apresentem propostas, as instituições de educação superior interessadas em receber estudantes que precisem ser transferidos. A instituição, tanto pública quanto particular, terá de apresentar ato autorizativo válido, comprovar conceito satisfatório e não estar sob supervisão, demonstrar capacidade de autofinanciamento, firmar declaração de não cobrança de taxas de adesão, pré-mensalidade ou qualquer outra taxa de transferência ao novo aluno, além de garantir a recepção dos estudantes contemplados por programas federais de acesso à educação superior, em especial o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Até então, a transferência de

Antes da Portaria do MEC, transferência de alunos dependia de vagas e aceitação da instituição

estudantes oriundos de cursos desativados ou de instituições descredenciadas tramitava como as demais transferências — dependia da iniciativa do estudante, da existência de vagas e da aceitação pelas instituições de educação superior. A política de transferência assistida permite ao MEC apoiar o estudante nesse processo. A análise das propostas das instituições de educação superior interessadas terá uma fase de triagem eliminatória, para a verificação do preenchimento das condições estabelecidas na portaria e no edital específico, e outra, classificatória, a ser realizada por comissão de especialistas.

Fique por dentro Critérios para pontuação das propostas Entre os critérios para pontuação das propostas, além dos que serão estabelecidos em edital, estão: • Capacidade instalada para recepção dos estudantes — infraestrutura física, cenários de prática, corpo docente e administrativo, entre outros; • Conceito da instituições de educação superior e dos cursos correspondentes; • Equivalência curricular dos cursos; • Valor da mensalidade; • Proximidade do local de oferta. No caso de descredenciamento de curso, o MEC dará prioridade a propostas que contemplem a absorção de todos os alunos que precisam de transferência. Caso a instituição seja descredenciada, a transferência de alunos pode ser desmembrada. A portaria prevê ainda que os concluintes que optarem pela política de transferência assistida sejam dispensados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) no ano da transferência.

« PARCERIAS »

Ciência sem Fronteiras tem mais de 13 mil inscritos

O

Programa Ciência sem Fronteiras (CsF) teve 13.174 inscrições para bolsas no Reino Unido, Canadá, na Austrália, Nova Zelândia, Finlândia e Coreia do Sul. O balanço foi divulgado no site do programa. As inscrições estão agora em fase de homologação. As bolsas terão suas atividades iniciadas no exterior a partir de janeiro de 2014. O processo de homologação é feito pelos coordenadores institucionais do Programa Ciência sem Fronteiras. Eles selecionam os melhores estudantes inscritos. Os candidatos deverão estar regularmente matriculados em cursos de graduação ligados às áreas prioritárias, cumprir com os requisitos das chamadas, ter excelente desempenho acadêmico e proficiência no idioma do país de destino, quando exigido. As inscrições foram distribuídas da seguinte forma: 4.909 para o Reino Unido, 3.285 para o Canadá, 3.207 para a Austrália, 1.174 para a Nova Zelândia, 377 para a Finlândia e 222 para a Coreia do Sul. O objetivo do Ciência sem Fronteira é promover a mobilidade internacional de estudantes e pesquisadores e incentivar a visita de jovens pesquisadores qualificados e professores experientes ao Brasil. As áreas prioritárias são: ciências exatas (matemática e química), engenharias, tecnologias e ciências da saúde. O programa mantém parcerias em 35 países. Até o mês de junho, implementou 29.192 bolsas em todas as modalidades de graduação, doutorado e pós-doutorado. A previsão é a distribuição de até 101 mil bolsas, ao longo de quatro anos, para alunos de graduação e pós-graduação.


TNNO

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Piauiense ganha prêmio de ‘Educador Nota 10’

« INICIATIVAS »

« RECONHECIMENTO » Premiação será entregue no dia 14 de outubro. Vencedores vão receber assinatura de revistas, tablets e dinheiro

DIVULGAÇÃO

A

Fundação Victor Civita (FVC) realiza há 16 anos o Prêmio Victor Civita Educador Nota 10 e com ele está criando um novo capítulo na história de professores de todo o Brasil. Após ser consagrado como um dos vencedores da edição de 2011, o educador Luís Carlos Batista Rodrigues, da cidade de Teresina, no Piauí, alcançou maior reconhecimento e valorização profissional na escola em que atua. Com o trabalho “O comércio na organização do espaço teresinense“, o professor de Geografia, da escola EM São Sebastião, criou situações de pesquisa planejadas e direcionadas, que instigaram os estudantes do 9º ano a refletirem sobre a realidade local e aprofundarem seus conhecimentos sobre a cidade em que moram e a região Nordeste. Uma das descobertas importantes feitas ao longo da investigação foi o fato do comércio ter sido fundamental para a mudança da capital de Oeiras para Teresina. Por meio da leitura de textos, análises de mapas e fotos, observação de marcas do tempo na paisagem e entrevistas, os estudantes elaboraram registros que foram transformados em um documentário em vídeo e posteriormente compartilhado com outras escolas da rede municipal da região. “O prêmio representou uma mudança na minha vida profissional, pois tanto colegas quanto os alunos passaram a demonstrar reconhecimento e valorização pelo meu trabalho e também pela disciplina que ensino”, diz Luís Carlos. “A direção da escola passou a enxergar minha atua-

Carlos Batista comemora prêmio com alunos da Escola Municipal São Sebastião, de Teresina

ção com maior interesse, pois o prêmio também colocou a instituição em evidência”, ressalta. Para Luís Carlos, a premiação é muito importante, pois “o Brasil não valoriza a educação como deveria e esta iniciativa da Fundação Victor Civita precisa servir como modelo, pois destaca o quão árduo e essencial é o trabalho dos professores para o futuro do país���. Este ano, o prêmio será entregue no dia 14 de outubro. Para concorrer ao prêmio, podem se inscrever educadores das redes públicas e privadas e de escolas comunitárias ou filantrópicas de acesso público, urbanas ou rurais. Sendo que os professores devem atuar em Educação Infantil ou no

1º ao 9º ano do Ensino Fundamental (incluindo Educação de Jovens e Adultos – EJA), nas disciplinas de alfabetização, língua portuguesa, educação física, história, arte, língua estrangeira, ciências, matemática e geografia, em todo o território nacional. Já diretores, coordenadores pedagógicos e orientadores educacionais precisam estar à frente de turmas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio (incluindo EJA) e ter desenvolvido trabalhos institucionais que tiveram impacto na aprendizagem dos alunos. Para selecionar os ganhadores, a Fundação Victor Civita avaliará a adequação entre os objetivos, as ações desenvolvidas e as aprendizagens

11

alcançadas pelos alunos. A partir dessa edição, a FVC premiará os 50 educadores finalistas com uma assinatura de um ano das Revistas Nova Escola ou Gestão Escolar. Além disso, escolherá entre os finalistas, 20 premiados que ganharão um tablet cada um, e por fim, escolherá entre os premiados os 10 vencedores que ganharão um prêmio de R$ 15 mil cada um. Durante a cerimônia de premiação, um júri vai eleger o Educador do Ano de 2013 entre os vencedores, que pode ser um professor ou um gestor - diretor escolar, coordenador pedagógico ou orientador educacional. O educador do ano, assim como a escola ganharão R$ 5 mil.

Abertas inscrições para Prêmio Inovação 2013

E

stão abertas até 30 de setembro próximo as inscrições para a quarta edição do Prêmio Inovação em Gestão Educacional. Podem concorrer experiências desenvolvidas por órgãos municipais gestores da educação. Elas devem estar em vigência e implantadas há pelo menos 18 meses, além de já ter apresentado resultados. Realizado a cada dois anos, o prêmio identifica e divulga experiências municipais bem- sucedidas por meio do Banco de Experiências em Gestão do Laboratório. “É necessário reconhecer e incentivar as boas iniciativas dos gestores municipais que modifiquem positivamente a realidade local e permitir que outros municípios e a sociedade conheçam essas experiências”, destaca o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Luiz Cláudio Costa. Desde a primeira edição, em 2006, foram distinguidas 30 iniciativas. Para este ano, está prevista a premiação de mais dez experiências. Do total de experiências inscritas, 20 serão pré-selecionadas para avaliação in loco. Os contemplados receberão placas e certificado, participarão de encontro formativo para compartilhar experiências e terão palestras ligadas ao tema da gestão educacional. Os dirigentes municipais podem inscrever até quatro experiências, uma para cada área temática do prêmio:

Gestão pedagógica Relacionada ao planejamento e à organização do sistema educacional do município e das unidades escolares quanto ao gerenciamento de recursos e à elaboração e execução de projetos pedagógicos.


12

TNNO

Natal - Rio Grande do Norte Quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Dicas de redação DANIELE BARROS

Exercitando a dissertação Texto I Tensão econômica gera sobrecarga de trabalho Redução de 17% na criação de postos de trabalho e tensão no cenário econômico. A instabilidade que ronda o mercado hoje tem um efeito direto na agenda de executivos: jornadas mais extensas, segundo especialistas consultados pela Folha. Em tempos de turbulência, as tarefas invadem os fins de semana e os profissionais ficam até mais tarde no escritório, diz Betania Tanure, professora da PUC-MG (Pontifícia Universidade Católica). Para o professor da FGV-SP (Fundação Getulio Vargas) Roberto Heloani, o medo de demissão e o corte de pessoal explicam a ampliação dos horários. “É lógica aritmética: cortam-se postos, mas o trabalho não diminui.” (…) Felipe Gutierrez, Folha de S. Paulo, 07/07/2012. Texto II Alunos tomam estimulantes para melhorar seu desempenho nas provas

Nas escolas de segundo grau dos EUA, a pressão por boas notas e a concorrência por vagas em universidades estão incentivando estudantes a abusar de estimulantes vendidos com receita médica. Os adolescentes dizem que obtêm os estimulantes de amigos, os compram de traficantes, também estudantes, ou falsificam sintomas para que médicos lhes deem receitas médicas. “Isso acontece em todos os colégios particulares daqui”, comentou a psicóloga nova-iorquina DeAnsin Parker, que atende adolescentes de bairros de alto padrão como o Upper East Side de Manhattan. “Não é como se houvesse apenas um colégio com esse problema. Esse é o padrão.” (…) Alan Schwarz, The New York Times / Folha de S. Paulo, 25/06/2012 Texto III Uma estranha loucura apossa-se das classes operárias das nações onde impera a civilização capitalista. Esta loucura tem como consequência as misérias individuais e sociais que, há dois séculos, torturam a triste humanidade. Esta loucura é o amor pelo trabalho, a paixão moribunda pelo trabalho, levada até o esgotamento das forças vitais do indi-

víduo e sua prole. Em vez de reagir contra essa aberração mental, os padres, economistas, moralistas sacrossantificaram o trabalho. Paul Lafargue, O direito à preguiça, 1880. Questão Tendo em vista os textos da coletânea aqui apresentada, redija uma dissertação em prosa, na qual você exponha seu ponto de vista sobre o tema para o qual todos eles apontam: A exigência de desempenho feita, hoje, aos indivíduos. Gabarito: A solicitação de um texto dissertativo sobre o tema da exigência de desempenho na sociedade contemporânea é precedida de quatro textos que devem servir de base para a elaboração de tese a ser fundamentada posteriormente com argumentos válidos. No texto I, a imagem de um atleta em posicionamento para a largada, e as mensagens apelativas que se destacam em plano de fundo, sugerem a ideologia dominante de que o sucesso individual depende unicamente da autodeterminação em atingir os objetivos, da capacidade em ultrapassar os obstáculos e da ambição contínua para atingir níveis de desempenho cada vez mais altos. O texto II alerta para a crise provocada pela redução de postos de trabalho devido à tensão econômi-

ca mundial, o que provoca medo de demissão e consequente sobrecarga de trabalho para os que tentam manter o emprego a qualquer custo. O texto III circunscreve os efeitos negativos da exigência de desempenho à área estudantil, já que a competição para ocupar vagas em universidades estadunidenses provoca abuso de ingestão de estimulantes, legalmente distribuídos a estudantes do ensino médio. Finalmente, um excerto da obra “O direito à preguiça”, de Paul Lafargue, analisa o trabalho no sistema capitalista moderno em uma sociedade falsamente moralista que santifica o trabalho, a ponto de se tornar gerador de obsessão compulsiva que limita o tempo de lazer enriquecedor do homem, esgotando-o física e psicologicamente. No seu conjunto, os textos alertam para os efeitos indesejados que a exigência de desempenho provoca no indivíduo e podem orientar a tese no sentido da apresentação de causas e consequências, além de fornecer dados para posterior desenvolvimento. Como causas, poderia ser mencionada a ideologia do trabalho de que está imbuído o sistema socioeconômico da sociedade contemporânea e a exacerbação do individualismo, competitivo e redutor. Como consequências, a atrofia cultural, o isolamento social, os danos físicos e emocionais dos que, pressionados pelas exigências de desempenho e sem tempo para o lazer, abdicam de diversão, convívio com os amigos ou família, relacionamento amoroso ou reuniões com a comunidade.


Tribuna do Norte - 14/08/2013