Issuu on Google+

» STJD NEGA PEDIDO E VASCO É REBAIXADO. JULGAMENTO DE HOJE DEFINE PENA - PÁGINA 15

Ano 63 • Número 224 • Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

FUNDADOR: ALUÍZIO ALVES - 1921 - 2006 EXEMPLAR DO ASSINANTE

ALINE ARRUDA

ALINE ARRUDA

ALEX RÉGIS

Maior polo de cinema do Brasil, Festival PaulíniaSP está em clima de retomada

Sem instalações adequadas para as seleções, Natal perde a Itália para Santos

Karla Motta defende um plano de logística para o Rio Grande do Norte

« VIVER 1 »

« PÁGINA 16 »

« ECONOMIA 4 »

CANTOS

NA CIDADE Roberta Sá abre, nesta sexta-feira, a temporada musical de fim de ano. O show será no entorno da Árvore de Mirassol e contará ainda com abertura da orquestra Catita Choro e Gafieira. No sábado, Elba Ramalho canta na zona Norte. « PÁGINAS 6 A 8 »

EXEMPLAR DO ASSINANTE

JUNIOR SANTOS

Rosalba consegue liminar no TSE para ficar no cargo « INDEFINIÇÃO » Minutos depois do Diário da Justiça publicar o acórdão do TRE, determinando o afastamento da governadora Rosalba Ciarlini, a ministra do TSE, Laurita Vaz, concedeu ontem liminar suspendendo a decisão. A magistrada avaliou que sucessivas alternâncias na chefia do Poder Executivo devem ser evitadas, “porque geram insegurança jurídica”. Ontem, o TRE cassou, pela quinta vez, o mandato da prefeita afastada Cláudia Regina e confirmou nova eleição em Mossoró.« PÁGINAS 3 A 5 »

No Hospital Maria Alice Fernandes, cartaz lembra a greve dos servidores da Saúde

« SAÚDE » Santa Catarina desativa hoje atendimento pediátrico

« TÍTULO » Cerca de 20% do eleitorado não foi ao TRE fazer o recadastramento

« INDÚSTRIA » Feira abre espaço para produtores do Mato Grande

O fechamento do atendimento pediátrico é uma das reclamações que geraram a greve dos servidores da Saúde. Sesap pediu a ilegalidade do movimento e servidores fazem assembleia de avaliação.« PÁGINA 10 »

Quem deixou para fazer o recadastramento biométrico na última hora tem até amanhã (14) para comparecer ao TRE. O atendimento será estendido até as 21h, mas os portões fecham às 18h. « PÁGINA 9 »

Produtores rurais dos 20 municípios do Mato Grande tiveram oportunidade de oferecer os seus produtos para supermercados do Rio Grande do Norte, durante a 1ª Feira Potiguar da Indústria. « ECONOMIA 6 »

Festa de Natal

colunistas

EMANUEL AMARAL

Woden Madruga

natal Investigações estão paradas em delegacias

Fifa, Copa do Mundo de Futebol e o alto lucro de poucos. « PÁGINA 2 »

Sem estruturas nas delegacias, inquéritos de homicídios ocorridos nos últimos cinco anos pouco avançam.« PÁGINA 11 »

Eliana Lima Arena pode ficar conhecida como ‘Lagoa das Dunas’. « NATAL 14 »

geral

Negócios e Finanças

STF manda prender ex-advogado de Valério

Decepção com o PIB negativo do Brasil é cada vez maior.« ECONOMIA 2 »

A prisão de Rogério Tolentino - ex-advogado do operador do mensalão - foi decretada ontem. « PÁGINA 7 »

geral Brasil e França unidos contra a espionagem Espetáculo ‘Natal em Cena’ abre oficialmente programação de fim de ano do ‘Natal em Natal’. Agenda de shows segue nos próximos dias em Mirassol e na zona Norte da capital. « PÁGINA 7 »

48

TOTAL DE PÁGINAS DESTA EDIÇÃO: páginas

FALE CONOSCO: PABX: Redação:

Assinaturas: 4006-6100 Venda avulsa: 4006-6113 Comercial:

4006-6111 Classificados: 4006-6103 Circulação: 4006-6173 Reclamações:

4006-6161 4006-6103 4006-6111

SITE: www.tribunadonorte.com.br REDAÇÃO (pauta): pauta@tribunadonorte.com.br

NO FACEBOOK

facebook.com/tribunarn

Dilma Rousseff e o presidente francês, François Hollande, vão unir esforços na área de defesa cibernética.« PÁGINA 7 » NO TWITTER

@tribunadonorte

PREÇO DESTA EDIÇÃO:

R$ 1,50


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Jornal de WM WODEN MADRUGA [ woden@terra.com.br ]

opinião

Vivências, lembranças NEI LEANDRO DE CASTRO Escritor

O império da Fifa

N

estas vibrantes antevésperas da Copa do Mundo de 2014, mote da explosão de patriotismo caipira da varonil gente brasileira e razão para o alto faturamento de poucos felizardos, e também no rastro da ação bandida comandada pela marginalidade criminosa das arquibancadas, triste rotina de nossos estádios ou arenas, nada mais oportuno de que ler e reler o artigo de Elio Gaspari, “Um banho de Brasil para a Fifa”, publicado esta semana, quarta, na Folha de S. Paulo. Tem lugar cativo em qualquer volume de sociologia verde-amarela, onde também pode ser incluído, a partir daquela tarde ensolarada de Suipe, o generoso decote da modelo e atriz Fernanda Lima que chegou a estremecer o misterioso e recatado Irã à sombra de suas romãzeiras. Com a palavra, o Eli Gaspari: “Joseph Blatter, presidente da Fifa, pensa que é um chefe de Estadoelevaumavidademagnata.Viaja no avião da entidade, é recebido por presidentes de agenda porosa, atravessa algumas cidades precedido por batedores e durante os jogos de futebol fica em camarotes de VIPsondegarçonsservemchampanhe e caviar. (Na abertura da Copa das Confederações, felizmente, a doutoraDilmareclamoudomimo). A Fifa não é um Estado, e se fosse, com sua crônica de propinas, estaria entre as cleptocracias da segunda divisão. Para os brasileiros, há a lembrança do ocaso de João Havelange, que dirigiu a instituição de 1974 a 1998, quando tornou-se seu presidente honorário. Renunciou em abril, na esteira de um escândalo. A Fifa é uma organização de cartolas e a Copa do Mundo tornou-se um empreendimento que move bilhões de dólares. Durante as manifestações de junho, a imprensa internacional lembrou o fato de que a competição será realizada num país onde multidões protestavam contra o preço das tarifas de transportes públicos enquanto a entidade anunciava que entre os patrocinadores do evento estará a champagne Taittinger (US$ 100 a garrafa). A Fifa mudou o horário de sete jogosdaCopa,atendendoapedidos dospatrocinadoresedasemissoras, interessadasemtransmitirosjogos ao vivo. Jogo jogado, pois essa possibilidade estava prevista. As pessoas que compraram ingressos para os velhos horários e por algum motivo quiserem desistir, perderão pelo menos 10% do valor pago. Ou seja, o sujeito marcou uma consulta no dentista, pagou adiantado, o doutor mudou o horário, ele perde-

rá 10% do preço da visita se quiser cancelá-la. Pouco custaria à Fifa livraraclienteladessatunga,atéporque serão poucas as desistências. Quando a burocracia dos cartolas baixa no Brasil com tamanha desconsideração, cria antipatias desnecessárias. Blatter vende ingressos para uma população que o vê passando na rua com batedores (no Rio já chegaram a fechar as transversais da avenida Atlântica para que ele tivesse pista livre). Os ingressos para os jogos terão preços salgados, as companhias aéreas e os hotéis estão de olho no bolso da galera. Além disso, o evento colocará nas ruas milhares de policiais com o treinamento e os modos que mostraram em junho. Esses problemas são parte da vida nacional, não é preciso agravá-los. Blatter deveria vir ao Brasil por três dias, para viver uma pessoa comum. Descobriria que o amigo que o hospeda no Rio ou em São Paulo paga mais IPTU do que ele na Suíça. Descobriria também que enquanto paga o equivalente a R$ 100 por ano para andar quantas vezes quiser em todas as autoestradas do seu país, aqui pagará R$ 40 por um só percurso do Rio a São Paulo, com direito a engarrafamento. Quando um brasileiro desce no aeroporto, rala na alfândega. Ele, não. Sendo suíço, verá que Pindorama é o único país do mundo onde a fila dos nativos para o exame de passaportes é maior que a dos estrangeiros. Quando um pedaço do Itaquerão desabou, Blatter pediu a “Deus e Alá” que garantam a entrega das arenas a tempo. Se os brasileiros se aborrecerem durante a Copa, o doutor não deverá invocar seus nomes em vão.”

tos e artigos. De ex-governadores, entre eles, Geraldo Melo, Garibaldi Filho, Lavoisier Maia, José Agripino), de empresários (Fernando Bezerra, Bira Rocha, Silvio Bezerra), secretários de Estado (Marcos César Formiga, Getúlio Nóbrega, Ivanaldo Bezerra) e gente de casa, começando pelo superintendente José Ferreira de Melo Neto, o Zeca. Muitas fotos.

O poeta anda Alex Nascimento muda seus hábitos e caminhos. Todas as noites (cedo) o poeta é visto andando – indo e voltando, várias vezes – pela Alexandrino de Alencar, na quadra entre a Zacarias Monteiro (que os desinformados chamam de Rui Barbosa) e o portão do Bosque dos Namorados. Ao lado, o Hospital João Machado. Mariana o acompanha, conduzindo na sacola a água mineral com gás. Na Bela Napoli, agora, só uma vez por semana. Música A Orquestra Potiguar de Clarinetas, conduzida pelo maestro João Paulo de Araújo, se apresenta hoje, a partir das 11h30, na Livraria da Cooperativa Cultural (UFRN), para celebrar o centenário de Vinicius de Moraes. É o projeto Música na Livraria. Livros Hoje, 19 horas, na Livraria Saraiva, do Miduei, tem o lançamento do livro Um mossoroense de fora, da jornalista Thaisa Mendonça. Trata-se da biografia do escritor Jaime Hipólito Dantas, mossoroense nascido em Caicó, um dois grandes nomes da literatura do Rio Grande do Norte. Amanhã será a vez de a jornalista Sheyla Azevedo lançar o seu Navarro – Um anjo feito sereno, ensaio biográfico do grande artista, pintor, poeta, cronista. Será ás 19 horas no Nalva Melo Café Salão, na velha Ribeira, das geografias preferidas do grande Newton Navarro, o biografado. Duas biografias de duas das mais maiores figuras da cultura de nossa terra. Do Seridó A colônia seridoense de Natal reúne-se amanhã, ás 9h30, na Igreja Santana de Capim Macio para discutir sobre a criação da Universidade Federal do Seridó.

Empresa Jornalística Tribuna do Norte Av. Tavares de Lira, 101 - Ribeira - Natal/RN CEP: 59010-200 Fone: (PABX) 4006-6100 Fax: (0xx84) 4006-6124 Endereço eletrônico: www.tribunadonorte.com.br

Brum

Diretor Presidente: Henrique Eduardo Alves Superintendente: José Roberto Cavalcanti Diretor Adm. e Operações: Ricardo Luiz de V. Alves Diretor Financeiro: Agnelo Alves Filho Diretor de Redação: Carlos Peixoto cpeditor@tribunadonorte.com.br Gerente Comercial: Eliane Rocha Gerente de Marketing: Ricélia Santiago Gerente de Circulação: Thales Vilar

Pretendo viajar em maio do próximo ano, e WM, com certeza, seria uma agradável companhia. Gostaria de levá-lo no Restaurante Inhaca, na Rua Portas de Santo Antão. Gostaria de beber com ele umas ginjas, um dos melhores aperitivos que conheço” Madri. Na véspera da viagem, Cláudio Emerenciano indicou um conhecido dele para viajar comigo. Foi o mais chato companheiro de viagem que tive na vida. No Museu do Prado, vi refletida no espelho uma mulher linda. Arrisquei um piropo, como dizem os espanhóis. Olhei

para mulher e disse: “O quadro mais belo deste museu está ali, na sua frente.” Ela olhou, viuse no espelho e sorriu. Passamos a conversar e o companheiro de viagem começou a torrar o saco. “Essa mulher é mais alta do que você, Nei, deixe ela pra lá.” Raquel, esse era o nome dela, acabou enjoando do chato e se despediu de mim. Ainda hoje, Cláudio Emerenciano tem essa dívida comigo. Sempre é bom voltar a Natal. Rever os amigos, beber umas batidas de maracujá no Bar de Nazaré, tomar banho nas águas mornas da Praia do Forte, bater papo no Sebo Vermelho. Dessa vez não foi possível me encontrar com Volonté, o meu poeta peripatético preferido. Eu soube que ele estava tendo aulas de teologia, no Seminário São Pedro. Parece que sua entrada para um mosteiro é mesmo séria.

Pensamento da semana: “Trauma de infância é uma doença que só ataca adulto.” (Roberto Rodrigues Roque)

Cartas

[ www.rabiscosdobrum.zip.net ]

Rosalba Três anos, onze meses e dez dias. Já foi mandato por demais! Basta minha senhora! Não deixe mais as categorias de servidores estaduais aflitos e desestimulados para exercerem suas atividades com afinco, em principal Segurança Pública e Saúde. Vá descansar em Mossoró na terra de Santa Luzia onde é o vosso berço político, para refletir junto com a prefeita afastada e se perguntar: “Erramos, tanto assim?” Se a 3ª instância (TSE) acolher o Mandato de Segurança pode até voltar, porém vai enfrentar outras vertentes, Assembleia Legislativa, Servidores e o clamor da opinião pública. sidneylettieri@yahoo.com.br

A humanização dos animais PE. JÚLIO CÉSAR SOUZA CAVALCANTE Pároco N. S. da Candelária, Natal

Do Sebrae Os 40 anos do Sebrae estão registrados num livro-álbum editado por Flávia Assaf e Adriano de Souza. Pra começo de conversa, a bela capa a partir de uma tela de Flávio Freitas, cujas ilustrações enriquecem ainda o projeto gráfico de George Benévolo. “Existe um Sebrae pra você” é o título da publicação. A história do Sebrae é contada através de vários depoimen-

P

aris sem dinheiro é um drama. Henry Miller, que passou por lá uns tempos sem quase dinheiro no bolso, já narrou as suas desventuras. Eu passei maus momentos na cidade mais charmosa do mundo, em 1969, quando fazia um curso de pós-graduação em Lisboa. Na volta para a capital portuguesa, perguntei a Marcos Guerra, que passou uma longa temporada por lá, se era fácil ir de carona até Lisboa. Marcos disse que sim, era fácil, e me levou de carro até a estrada para eu pedir carona. Era inverno, eu estava mal agasalhado. Passei mais de uma hora acenando para os carros que passavam, e nada. Enfim, um motorista parou e perguntou para onde eu iria. Eu disse que queria ir para Lisboa e o motorista deu uma risada. Ele me deu uma carona até Angoulême, a poucos quilômetros dali. Peguei um ônibus de volta e fui de trem para Lisboa. Viajei mais de vinte horas, me alimen-

tando de pão sem manteiga. Num restaurante de Lisboa, onde eu costumava fazer refeições, vi uma mulher linda na mesa ao lado. Tomei umas taças de vinho, tomei coragem, paguei a conta e fui até à mesa da bela. Cheguei e fui dizendo: “Posso lhe dar uma informação?” Ela disse que sim e eu falei: “Você é a mulher mais bonita que meus olhos já viram.” Na calçada, sinto alguém bate no meu ombro. Era a mulher linda. Fiquei tão assustado que gaguejei qualquer coisa e saí quase correndo. Pena que Woden não queira viajar a Lisboa. Pretendo viajar em maio do próximo ano, e WM, com certeza, seria uma agradável companhia. Gostaria de levá-lo no Restaurante Inhaca, na Rua Portas de Santo Antão. Gostaria de beber com ele umas ginjas, um dos melhores aperitivos que conheço. Poderíamos almoçar no Polícia, um restaurante de nome que assusta um pouco, mas tem uns pombos com recheio de amêijoas que são para comer de joelhos. Em 1969, estive uns dias em

N

os últimos anos, tem crescido de maneira significativa a consciência sobre a necessidade de se tratar com respeito os animais. O aumento do número de ONGs e associações protetoras de animais, as campanhas contra maus tratos nas redes sociais e até mesmo as posturas da população podem ser vistas notoriamente como um reflexo deste crescimento. Consciência essa que condiz com o respeito à natureza e a todas as criaturas que cada ser humano deve ter. Porém, ao mesmo tempo em que cresce essa consciência, nasce um outro fator que precisa ser analisado: os animais estão cada vez mais perto das famílias e conquistam assim seu espaço de membro. A convivência já é tão próxima que até a alimentação deles não se restringe mais apenas às rações ou aos biscoitinhos feitos para animais. Roupas e adereços estão compondo o “seu guardaroupa”. Eles estão ganhando a atenção que sempre se teve como prioritária para humanos. Em um famoso site de notícias, a repórter Juliana Vines escreveu um artigo intitulado “Especialistas alertam sobre tratamento humanizado aos animais de estimação”. No parágrafo inicial, ela afirma: “Os cães estão mais humanos. Demasiadamente humanos. Com roupas e nomes de gente, vão à creche de perua escolar, passeiam no Classificados Redação Fax Venda Avulsa Assinatura Natal Reclamações Natal ASSINATURA Mensal (à vista) Semestral (à vista) Anual (à vista)

4006-6161 4006-6113 4006-6124 4006-6100 4006-6111 4006-6111 R$ 43,00 R$ 258,00 R$ 516,00

É preciso resgatar a relação de fraternidade e solidariedade entre as pessoas e dar a cada ser humano o amor que nasce do Coração do Pai” shopping, fazem sessões de spa. De melhores amigos foram promovidos a filhos”. O forte apego dos donos ao seu animal de estimação, caracterizado pela humanização do animal, é um fenômeno causado por carências que são peculiares do homem moderno. O ser humano, ao decidir tomar preferência pelo convívio com animais ao invés de com outros seres humanos, busca, na verdade, uma garantia de lealdade e autenticidade no relacionamento, que considera aspectos difíceis de conseguir de forma satisfatória nas relações entre pessoas no mundo de hoje. Esta crescente humanização produzida pelos donos dos animais, traz consigo duas consequências a serem analisadas: diminui a relação entre humanos, e se torna prejudicial para os próprios animais. Sendo transformados em extensão das pessoas e de suas neuroses, eles começam a reagir com depressão e alergias. Diante disso, qual deve ser o

PREÇO DO EXEMPLAR Rio Grande do Norte 3ª a Sábado Domingo Outro Estado 3ª a Sábado Domingo

Alternativos

posicionamento do cristão católico? A resposta encontraremos no Catecismo da Igreja Católica, mais precisamente nos números 2415 a 2418, dentro do contexto de reflexão sobre o sétimo mandamento da lei de Deus, onde é afirmado claramente que os animais “estão naturalmente destinados ao bem comum da humanidade passada, presente e futura”. Partindo desta afirmação, somos convidados a seguir o exemplo de Santos – especialmente São Francisco de Assis e São Felipe de Neri – que não apenas tratavam os animais com delicadeza e carinho, mas também não faziam e até mesmo não permitiam que outros o fizessem sofrer pela maldade humana. A conclusão é, portanto, esta: devemos ver os animais como criaturas de Deus que devem ser amadas e respeitadas, mas não podemos perder a consciência de que mesmo amando-os, não podemos orientar para eles o afeto devido exclusivamente às pessoas como imagem e semelhança de Deus. É preciso resgatar a relação de fraternidade e solidariedade entre as pessoas e dar a cada ser humano o amor que nasce do Coração do Pai. Assim, recoloca-se em ordem natural o desejo expresso pelo Criador de que o ser humano fosse responsável pela natureza inteira e dela cuidasse com carinho. Redescobre-se que se amam as pessoas e os animais, cada um dentro do seu contexto e sem um tomar o lugar que é próprio do outro.

Todo ato que afronta as garantias individuais do cidadão, como por exemplo, o direito de ir e vir, deve ser tratado com base nas leis da física: Lei III: A toda ação há sempre uma reação oposta e de igual intensidade. Após arruaça que muitos permissionários nem sabiam o que estavam fazendo por simples ignorância, agora vem o medo e as consequências criminais que deverão ser rigorosas e exemplares para coibir futuros atos semelhantes de qualquer categoria e retirar do cidadão sensação de impunidade existente por aqueles que foram reféns. O Sinpol está desnorteado definitivamente, visto que cedeu o espaço de uma entidade representativa da legalidade a baderneiros. luger@oi.com.br

Mobilidade Se depender do MP, o povo vai andar de helicóptero de um local pra outro em Natal. O desenvolvimento da cidade e do Brasil sempre barrados por ações desse tipo, como no caso do PróTransportes da Zona Norte. O pior que só faz protelar as obras que na maioria das vezes são retomadas sem vermos nenhuma melhoria do que já havia sido proposto e que já constava do projeto original. Aí surge a pergunta de sempre: por que deixaram recomeçar o serviço e não fizeram essas adequações e recomendações antes? Já não basta anos e anos com essa obra parada? scezany@hotmail.com

FILIADO AO

R$ 1,50 R$ 2,50

FILIADO AO INSTITUTO VERIFICADOR DE CIRCULAÇÃO

R$ 2,00 R$ 3,20

REPRESENTANTE NACIONAL – Pereira de Souza & Cia Ltda: Rio de Janeiro : (O21)2544-3070 – São Paulo: (011) 3259-6111

FILIADO À ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS

REDE CABUGI DE COMUNICAÇÃO TRIBUNA DO NORTE 4006-6100 Rádio Globo/Cabugi (AM) Natal 4006-6180 104 (FM) Parnamirim 3272-3737 Rádio Difusora de Mossoró (AM) 3316-3181/2181/3317-6167 Rádio Cabugi do Seridó (AM) J. do Seridó 3472-2759 Rádio Baixa Verde (AM)J. Câmara 3262-2498 Pereira de Souza(SP) 11/3259-6111 Pereira de Souza(RJ) 21/2544-3070


política

Notas & Comentários [ colunanotas@tribunadonorte.com.br ]

Julgamento adiado Com quatro votos proferidos contra o financiamento das campanhas por empresas privadas, o Supremo Tribunal Federal adiou ontem, a conclusão do julgamento e a discussão sobre o eventual impacto da decisão sobre as eleições do ano que vem. O plenário do STF só deve retomar o caso em 2014. Votaram contra a possibilidade de empresas doarem recursos para candidatos e partidos os ministros Luiz Fux, Joaquim Barbosa, Dias Toffoli e Luís Roberto Barroso. Os quatro também julgaram ser inconstitucional estabelecer, com base na renda, o porcentual que pessoas físicas poderiam doar.

Restrições Os ministros do STF Luiz Fux, Joaquim Barbosa e Roberto Barroso, se manifestaram favoravelmente à vedação de doações por empresas, já nas próximas eleições. Toffoli vai esperar a conclusão do processo para votar nesse item. O julgamento foi interrompido pelo pedido de vista

do ministro Teori Zavascki. Alguns ministros, reservadamente, afirmam que não haverá tempo hábil para que o caso seja resolvido com antecedência para as eleições de outubro. Além disso, dois deles argumentam que a decisão do STF só poderia valer para as eleições de 2016.

Reeleição Enquanto isso, o ministro Gilmar Mendes adiantou que deve votar a favor da manutenção das doações por empresas - contrário ao pedido feito pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Para ele, a proibição favorecerá os candidatos que buscam a reeleição e alija do processo eleitoral empresas que, segundo o ministro, legitimamente defendem um modelo de Estado que favoreça a atividade econômica. “A quem

interessa esse modelo cerrado, hermético? Quem é que ganha?”, questionou. “Estamos fazendo um tipo de lei para beneficiar quem estiver no poder? É isso que se quer? É disso que se cuida? É para eternizar quem está no poder?”. Gilmar Mendes afirmou que os governantes - de todos os partidos, ressaltou - se valem de propagandas institucionais para defender atos de Governo e, assim, promoverem suas candidaturas.

Críticas O deputado federal Felipe Maia afirmou ontem no plenário da Câmara que o PT sabe fazer oposição, mas não tem o mesmo desempenho no exercício do Governo. Ele destacou que o cenário da economia brasileira é “dramático. O parlamentar lembrou o crescimento de 0,9% do Produto Interno Bruto (PIB) registrado no ano

passado e a estimativa “pífia de expansão para 2013”. “Entre as 20 economias mais importantes do mundo, o Brasil registrou o pior desempenho, entre os meses de julho e setembro deste ano. Inclusive os países da Europa em recessão cresceram mais que o Brasil. O país caminha a passos de tartaruga”, disse o deputado.

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

TSE concede liminar para manter Rosalba no Governo « CASSAÇÃO SUSPENSA » Ministra do Tribunal Superior Eleitoral considera que

punição não poderia ser mais grave do que a determinada pela 1ª instância DIVULGAÇÃO

MARIA DA GUIA DANTAS ANNA RUTH DANTAS repórteres

A

ministra Laurita Vaz, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), manteve a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) na chefia do Executivo, decisão motivada, segundo ela, com fim de “evitar a perda, ainda que temporária, do exercício do mandato eletivo”. A magistrada assinalou também, ao conceder a liminar impetrada pela governadora, que jurisprudências do próprio TSE dialogam no sentido de que sucessivas alternâncias na chefia do Poder Executivo devem ser evitadas, porque geram insegurança jurídica e descontinuidade administrativa. A decisão da ministra suspende determinação do Tribunal Regional Eleitoral do RN (TRE/RN) e os efeitos desta, sobretudo no que diz respeito ao comunicado à Assembleia Legislativa para empossar o vice-governador no cargo. Em um dos pontos da análise feita antes de conceder a liminar, Laurita Vaz disse ser relevante a alegação da defesa da governadora ao afirmar que, tendo o TRE/RN concluído pela perda de prazo de recurso interposto por ela – e não havendo recurso da parte contrária – não poderia cominar sanção de inelegibilidade. Isso porque tal medida agrava a condenação imposta na sentença de primeiro grau, que se deu tão somente para aplicar a sanção de multa no valor de R$ 30 mil. Antes de efetuada a decisão da ministra, o Tribunal Regional Eleitoral publicou a

Ministra Laurita Vaz acatou os argumentos da defesa e concedeu a medida temporária

Não havia previsão legal para o afastamento da governadora. Mas o TRE entendeu de outra forma” THIAGO CORTEZ advogado

decisão do acórdão que cassou o mandato da governadora Rosalba Ciarlini. O comunicado à Assembleia Legislativa (AL/RN) seria feito hoje. O presidente da AL/RN, Ricardo Motta (PROS), estava cauteloso e chegou a orientar assessores a aguardar o recebimento da determinação do TRE/RN para somente após iniciar os preparativos para a posse do vice-governador. Não houve tempo sequer para isso.

Confiança Com a decisão de Laurita Vaz, o Tribunal Regional Eleitoral suspenderá os atos que seriam realizados pela decisão dos magistrados. Desde a tarde de ontem, aliados da governadora já se mostravam confiantes com o deferimento da liminar impe-

Assembleia programou notificação

diência com a juíza Lisandra Lopes, e em seguida será a vez do prefeito de Apodi, Flaviano Moreira Monteiro. Neste mês de dezembro, o TRT-RN negociou o pagamento de R$ 1.531.400,00 em precatórios de dez municípios.

Investigação A Comissão de Ética Parlamentar da Câmara Municipal de Natal ouviu ontem a vereadora Amanda Gurgel (PSTU), que responde a processo movido pelo vereador Aroldo Alves (PSDB) por quebra de decoro parlamentar. O desentendimento envolvendo os vereadores ocorreu durante votação do Projeto de Lei que

institui a bilhetagem única para ônibus e alternativos. Segundo Aroldo Alves, 12 vereadores que assinaram uma emenda relativa ao Projeto foram acusados por Amanda de fazerem parte de uma bancada do Seturn (Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município de Natal).

Investigação (2) Amanda Gurgel se defendeu das acusações durante o depoimento. “Admito aqui que falei, sim, que existe uma bancada do Seturn, mas isso não implica ataque moral, calúnia ou difamação. Apenas fiz uma caracterização política”, comentou. “Não ataquei ninguém de maneira direta, sendo a denúncia totalmente equivocada”, acrescentou a vereadora.

Processo

Substituições

O processo sobre suposta participação da ex-prefeita Micarla de Sousa em desvio de verbas destinadas à Secretaria de Saúde de Natal foi remetido à Justiça Federal. Na quarta-feira (11), o juiz José Armando Ponte, da 7ª Vara Criminal, declarou incompetência para julgar o caso, por entender que essas possíveis irregularidades envolvem recursos federais. No início de novembro, o Ministério Público denunciou Micarla de Sousa por suposta participação no esquema.

O prefeito em exercício de Mossoró, Francisco José da Silveira Júnior (PSD), anunciou demissões no secretariado. Embora esteja no cargo em caráter provisório, ele decidiu fazer algumas substituições. O prefeito exonerou o jornalista Julierme Torres, da Secretaria Municipal de Comunicação Social, e indicou para o cargo a cunhada, jornalista Mirela Ciarlini. Francisco José Júnior ficará na Prefeitura até o TRE convocar novas eleições.

trada no TSE. O acórdão do TRE/RN foi publicado por volta das 20h30 e a decisão da ministra do Tribunal Superior Eleitoral às 21h (horário de Brasília). Livre do afastamento, a governadora Rosalba Ciarlini foi mais uma vez procurada para falar sobre o assunto. Porém, voltou a dizer, por meio de assessores, que as declarações ficarão por conta dos advogados. O Mandado de Segurança impetrado está em fase de liminar, que é uma decisão provisória. Antes de julgar o mérito, a magistrada do TSE solicitou informações ao Tribunal Regional Eleitoral e que os autos fossem encaminhados para a ProcuradoriaGeral Eleitoral. O TRE/RN deverá ser comunicado, com urgência, da decisão.

EMANUEL AMARAL

Conciliação Os prefeitos de Bom Jesus e Apodi têm audiências de conciliação marcadas para hoje no Setor de Precatórios do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN). Às 9h30, o prefeito Edmundo Aires de Melo Júnior (Bom Jesus) terá au-

3

Thiago Cortez planeja reverter a inelegibilidade da governadora Rosalba Ciarlini

Advogado prepara novos recursos A governadora Rosalba Ciarlini teria contratado o advogado Fernando Neves, ex-ministro do Superior Tribunal Eleitoral, para defendê-la do processo de cassação. Ontem, Neves e os advogados Thiago e Felipe Cortez, que já defendem a governadora, conversaram sobre as possíveis estratégias a serem utilizadas para o caso. Eles esperam, com o Mandado de Segurança a ser impetrado no TSE, reverter a decisão do TRE/RN. Se não conseguirem, devem optar por um recurso, o que poderá ser feito somente após a publicação do acórdão. De acordo com o advogado Felipe Cortez, o TRE/RN surpreendeu a todos porque julgou sobre algo que não estava sendo discutido. “Isso foi uma novidade que o Tribunal resolveu agora e pegou toda a defesa de surpresa. A governadora foi condenada pura e simplesmente a uma multa de R$ 30 mil por supostamente ter usado o avião do Estado em prol da candidatura

Foi uma novidade que o Tribunal resolveu agora e pegou toda a defesa de surpresa” THIAGO CORTEZ advogado

de Cláudia Regina”, frisou ele. Felipe Cortez destacou que, sem que ninguém esperasse, o Tribunal optou por manter a multa da governadora e a cassação de Cláudia Regina. E ao final decidiu estender a cassação ao mandato da governadora. “Esta cassação não foi pedida em primeira instância. O juiz Nilson Cavalcanti abriu a divergência e foi seguido a maioria”, comentou.

Ele disse que a defesa se mobilizará agora para buscar junto ao Tribunal Superior Eleitoral uma medida liminar que possa manter a governadora no cargo. “Isso aí nós vamos providenciar de forma rápida. Depois disso vamos a Brasília pedir uma medida cautelar que, certamente, será concedida. Acredito que o TSE não vá permitir esse afastamento, uma vez que ela (Rosalba Ciarlini) não era candidata e não houve pedido de cassação”, observou. Sobre a tese de que a governadora foi pega na lei da Ficha Limpa, o advogado contraria mais uma vez a opinião do TRE/RN. “O Tribunal não poderia fazer isso. A lei é expressa, o relator do processo (juiz federal Marco Bruno) explicou, mais de uma vez, que não havia previsão legal para o afastamento da governadora. Mas o TRE entendeu de outra forma, construiu uma decisão com base em princípios que eu desconheço””, assinalou.

O Tribunal Regional Eleitoral do RN tinha programado para enviar hoje ofício à Assembleia Legislativa que informaria a decisão de afastar a governadora. Com isso, a Assembleia teria que empossar, no prazo de 24 horas, o vicegovernador Robinson Faria no cargo em substituição a Rosalba Ciarlini. Mas a decisão da ministra do Tribunal Superior Eleitoral deverá suspender o envio do ofício e as implicações dessa comunicação, uma vez que a liminar suspende os atos decorrentes do acórdão do TRE. Por intermédio da Assessoria de Imprensa, a Assembleia da Legislativainformouquetãologochegasse o ofício do TRE iria adotar as “providências jurídicas”. O julgamento que envolveu Rosalba Ciarlini no Tribunal Regional Eleitoral foi na última terça-feira. Coube ao juiz federal Marco Bruno Miranda a relatoria do processo. Ele votou pela manutenção da sentença de primeirainstância,quedeterminava a inelegibilidade por oito anos para governadora Rosalba Ciarlini e o pagamento de 30 mil Ufirs. A divergência surgiu logo depois, quando o juiz Nilson Cavalcanti proferiu o voto. Ele defendeu não o afastamento dela do cargo. O juiz avaliou que essa punição se aplicava à governadora, embora ela não estivesse disputando o pleito de 2012. Outros quatro juízes acompanharam o voto, o que configurou maioria pela cassação. Mas a decisão foi suspensa ontem pela liminar da ministra do TSE.

+

PÁGINAS 4 E 5

Leia mais sobre a decisão do TSE


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Cláudio Humberto [ ch@claudiohumberto.com.br - www.claudiohumberto.com.br]

Substituir ministros já Apesar da pressão do ex-presidente Lula para manter nos cargos os ministros candidatos até março, a presidenta Dilma está ansiosa para promover uma reforma ministerial entre 20 de dezembro e 15 de janeiro. Ela está irritada com ritmo lento dos ministros, preocupados demais com suas campanhas, e planeja substituí-los o quanto antes, até para ter o que mostrar em sua própria campanha à reeleição.

política

Rosalba Ciarlini retoma agenda na Governadoria « CASSAÇÃO SUSPENSA » Governadora volta a despachar na sede do Executivo, tem reuniões com secretários e deputados estaduais FOTOS: JOANA LIMA

Vice recebe prefeitos e vereadores

Pessoas jurídicas somente deveriam contribuir para fundo partidário” EDUARDO SUPLICY Senador (PT-SP) discursando contra doações privadas a campanhas

Deixa ele

Todos iguais

A pressão maior de Lula é por Alexandre Padilha (Saúde). Acha que prolongar sua permanência é vital para a disputa pelo governo paulista.

Partidos aliados cobram “isonomia” de Dilma: querem que seus ministros fiquem nos cargos até março, como os do PT.

Boquinha

Alvo de cobiça

Na expectativa de faturar ministérios, PTB e PROS, dos irmãos Cid e Ciro Gomes, pressionam por imediata reforma ministerial.

O PMDB também não vê a hora de ver a posse ao senador Vital do Rêgo (PB) na Integração, também cobiçado por PT, PTB, PP, PROS...

‘Propinoduto’ contra PSDB O governo Dilma aposta que as denúncias sobre esquema de corrupção dos trens de São Paulo vão gerar desgaste eleitoral maior ao PSDB do que o “mensalão tucano”, a ser julgado em 2014 pelo Supremo Tribunal

Federal. Na avaliação do Palácio do Planalto, além do fator “novidade”, o escândalo atinge em cheio o núcleo duro do PSDB, incluindo governador Geraldo Alckmin e antecessor José Serra.

Saiu ofuscado

Mangalô

Denúncias do “propinoduto” paulista tiraram do noticiário o mineiro Eduardo Azeredo (PSDB), estrela do “mensalão tucano”.

Não é maldade do calendário: hoje é sexta-feira 13, de 2013, combinação numerológica que assombra petistas supersticiosos.

Cara lisa No final do seu segundo governo no Rio, Sérgio Cabral (PMDB) culpou as “décadas de abandono” pelas enchentes na Baixada Fluminense.

Lula em campanha Horas antes da convenção, ontem, em Brasília, o PT já incomodava centenas de trabalhadores das duas torres do centro empresarial Brasil 21, com

um carro de som tocando loas ao ex-presidente, incluindo a musiquinha “Lula lá”. E sem qualquer referência à reeleição de Dilma.

A banca do distinto À espera do trânsito em julgado da pena no mensalão, o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha aproveita a mão aberta do contribuinte: já gastou R$ 62 mil em cota parlamentar após a sentença, em agosto.

Explica, ministro Entre as medidas dos ministros José Eduardo Cardozo e Aldo Rebelo está a criação de uma “câmara técnica” no Ministério da Justiça para com-

bater a violência nos estádios. Igual àquela que Cardozo extinguiu em 2011, em decisão que até hoje ele enrola, enrola, e não explica.

Sinal vermelho

Água no chope

Brasil, Indonésia e África do Sul estão no mapa de risco de investidores estrangeiros por possíveis medidas populistas após as eleições nesses países, segundo aponta mapa da consultoria inglesa Maplecroft.

Alemães da Volks ainda não entenderam a piada: a Kombi teve de sair de linha no Brasil por falta de airbags e freios ABS – itens de segurança que o governo agora dispensa para “não encarecer” as carroças.

Pela hora da morte

Instinto primitivo

Referência em planos de saúde “top”, a Casa de Saúde São José, no Rio, tem camas com ferrugem, lençóis furados e cobertores fedidos. “Sem fins lucrativos”, recebe incentivos e isenções do governo.

O Conselho Nacional de Justiça recomendou rigor na fiscalização da presença de crianças nas cidades-sede da Copa. Quanto a animais em estádios com barras de ferro, só mesmo consultando o Ibama.

Direitos dos animais A pedido do PV, o presidente da Câmara, Henrique Alves, autorizou a criação de comissão especial para elaborar marco sobre direitos dos animais. Hoje, 550 projetos sobre o tema tramitam Casa.

Monsenhor Lucas esteve na sede do Governo para fazer uma oração com Rosalba Ciarlini

A

inda sob a dúvida se permaneceria ou se seria afastada do Executivo, Rosalba Ciarlini passou o dia de ontem na sede do Governo, despachou com secretários, conversou com aliados e rezou. Por volta das 16h, a democrata recebeu a visita do monsenhor Lucas Batista. Ao deixar o local, o padre admitiu: “Vim fazer uma oração”. Minutos antes, a democrata esteve com o deputado Antônio Jácome (PMN), o vereador Jacó Jácome (PMN) e o pastor Martim Alves da Silva, presidente da Assembleia de Deus no Rio Grande do Norte. Um pouco depois, o deputado estadual José Adécio (DEM) foi recebido. De tantos aliados no início de mandato, poucos apareceram. A governadora não aceitou conversar com a imprensa. Servidores próximos disseram que ela estava abalada e que tem se emocionado com facilidade. Ao desabafar, costuma dizer que teme o abandono de mais aliados. Mas não seria o caso. Secretários de primeiro escalão já ensaiavam uma demissão em massa, caso o afastamento fosse consolidado.

Deputado Antônio Jácome foi recebido pela governadora

Pela manhã, Rosalba Ciarlini recebeu um grupo de gestores apoiadores das ações do RN Mais Seguro. À tarde, ao encontrar aliados, chegou a presenteálos com a revista das ações do Governo do RN e comentou a concretização de pleitos antigos, como a construção da barragem de Oiticica, o aeroporto internacional de São Gonçalo do Amarante, a Arena das Dunas, e as estradas de Mossoró – Upanema – Campo Grande, Alexandria Santa Cruz, e a duplicação da es-

trada de Tibau. Rosalba Ciarlini também realizou despachos administrativos com os secretários de Administração, Alber Nóbrega; de Planejamento e Finanças, Obery Rodigues; da Cultura, Isaura Rosado; do Turismo, Renato Fernandes; e da Comunicação, Paulo Araújo. Hoje, a agenda da governadora registra uma viagem à Mossoró, para participação na procissão e festividades de encerramento da Festa de Santa Luzia.

O vice-governador Robinson Faria manteve ontem uma agenda “cheia”. Desde a determinação de afastamento da governadora, pelo TRE/RN, as ligações telefônicas de aliados se multiplicaram, as visitas aumentaram e a vice-governadoria, até pouco tempo um sossego diário, intensificou os transeuntes. Robinson Faria chegou ao prédio da Vice-Governadoria por volta das 9h, onde permaneceu até às 14h. Enquanto esteve no local, ele recebeu alguns prefeitos e vereadores aliados, segundo a assessoria encontros já programados anteriormente. Procurado para falar sobre a decisão que poderia empossá-lo governador, Robinson Faria informou, por meio da assessoria de imprensa, que só iria se pronunciar após ser comunicado pela Assembleia Legislativa. Na última terça-feira, após a decisão do TRE, o vice-governador emitiu uma nota oficial afirmando que era preciso manter “serenidade” no momento. “É oportuno que fique claro que não me move o revanchismo, não me motiva a mesquinhês política, não me orientam as disputas eleitorais extemporâneas, não tenho interesses partidários menores”, diz um dos trechos da nota. Rompido com a governadora Rosalba Ciarlini, fato que ocorreu ainda no primeiro ano de gestão, Faria disse que cumprirá o papel reservado pela Constituição. “Cumpro e cumprirei sempre o papel que a Constituição me atribui, com as prerrogativas que a lei me garante, e pronto para contribuir com as instituições democraticamente constituídas”, assinalou na nota.


política

TRE decide punir Cláudia Regina pela quinta vez « CASSAÇÃO » Tribunal Regional Eleitoral não acata argumento da defesa e aponta que prefeita afastada de Mossoró cometeu abuso do poder político JOANA LIMA

Prefeito de Carnaubais é cassado

Juízes analisam novo processo que envolve Cláudia Regina

N

a sessão de ontem do Tribunal Regional Eleitoral a prefeita afastada de Mossoró Cláudia Regina foi cassada pela quinta vez. Nesse processo, os juízes eleitorais avaliaram, à unanimidade, que houve abuso de poder político da então candidata na campanha eleitoral de 2012, uma vez que servidores da Prefeitura de Mossoró foram flagrados trabalhando na durante o horário de expediente para, supostamente, beneficiar a eleição de Cláudia Regina. O advogado Sanderson Mafra sustentou na tribuna que os servidores tinham uma flexibilidade de horário, porque eles trabalhavam em feriado e, por isso, atuaram na campanha quando estavam de folga. O relator do processo, juiz NilsonCavalcanti,analisouquefogeao sensocomum“servidorestrabalharem em dias de feriado para atuaremnacompensaçãodosdiasdesemana”.Novoto,seguidoaunanimidade,ojuiztambémdefendeuarealização de novas eleições na cidade, jáqueaprefeitaobtevemaisde50% dos votos válidos. Essa foi a quinta condenação imposta pelo Tribunal Regional Eleitoral a prefeita Claudia Regina. No julgamento, o

juizArturCortezlembrouque“amatéria guarda conexão de processos jájulgados”,fazendoreferênciaaoutras cassações da prefeita também por abuso de poder político. Na semana passada, Claudia Regina foi cassada e afastada pela primeira vez por decisão do TRE. Sobre ela pesou a acusação de abuso de poder político e econômico. No julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral, três juízes da Corte mantiveram o entendimento de que houve abuso de poderpolíticoecondutavedadadaprefeita, apenas um magistrado foi favorável a gestora. Naquela ocasião Toda discussão ficou centralizada naparticipaçãodagovernadoraRosalba Ciarlini na campanha eleitoral de 2012 em Mossoró. O juiz NilsonCavalcanti,relatordaqueleprocesso, analisou que houve provas contundentesdequeachefedoExecutivoestadualdesequilibrouopleito de Mossoró, inclusive fazendo promessas de obras na cidade mediante a eleição de Claudia Regina. Punida em outros processo, Cláudia Regina já esta afastada do cargo e foi substituida pelo presidente da Câmara, Francisco José Júnior, até convocação de nova eleição.

Na sessão dessa quintafeira, o Tribunal Regional Eleitoral manteve a cassação do prefeito da cidade de Carnaubais Luiz Gonzaga Cavalcante, que será afastado do cargo logo após a publicação do acórdão. O relator foi o juiz Nilson Cavalcanti, que votou pela cassação e foi seguido a unanimidade pelos membros da Corte. O advogado Artêmio Azevedo, que denunciou os fatos representando a coligação oposicionista ao prefeito eleito, sustentou que houve abastecimento de combustível em carros da campanha com nota da Prefeitura de Carnaubais.“O município de Carnaubais é uma dessas eleições onde o gasto de dinheiro público mudou, adulterou o resultado da eleição”, disse o advogado, citando também o fato de que ônibus escolares do município foram usados para transporte de eleitor. Já a prefeita de Equador foi absolvida, por 3 votos a 1, da acusação de abuso de poder econômico. A Corte reformou a sentença condenatória de cassação de primeira instância. No julgamento, o juiz Artur Cortez, relator do processo, votou pela cassação da gestora. A divergência começou com o jurista Verlano Medeiros que observou o fato das provas terem sido trazidas aos autos após a eleição. Ele foi seguido pelo jurista Carlo Virgílio e pelo juiz Nilson Cavalcanti.

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

5


geral

Operadoras não podem determinar tipo de procedimento a clientes, decide STJ

S

ão Paulo (AE) - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que os planos de saúde não podem restringir o tipo de tratamento que será usado pelo paciente. A decisão foi tomada pela Quarta Turma da Corte em resposta a um recurso de uma operadora de saúde, que não autorizou o uso da tecnologia robótica para o tratamento de um paciente com câncer de próstata. O acórdão é do dia 5 e pertence a um processo de um paciente específico, mas cria jurisprudência e servirá como referência para que outros juízes e tribunais tomem decisões no mesmo sentido. O caso aconteceu em São Paulo, em 2009. O paciente, que não quis se identificar, tinha câncer de próstata e recebeu orientação para a realização da cirurgia. O plano de saúde liberou o procedimento pelo método tradicional (aberto), mas o médico optou pelo uso da tecnologia robótica (por meio do robô Da Vinci), por ser uma cirurgia menos invasiva, mais segura e com menor tempo de internação. A técnica seria indispensável para evitar metástases. “Como o plano não liberou a cirurgia com robô, entramos na Justiça. Conseguimos a liminar e a cirurgia aconteceu imediatamente, embora o processo esteja em andamento até hoje”, disse a advogada Renata Vilhena, responsável pelo caso. A operadora do plano de saúde não concordou com a decisão e recorreu alegando que o uso da tecnologia robótica ainda era ex-

perimental e, por isso, não constava do rol de coberturas obrigatórias dos planos de saúde feita pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Segundo o STJ, a operadora também argumentou que o hospital que faria a cirurgia tinha recebido o robô Da Vinci havia pouco tempo e que a técnica convencional poderia ser adotada com o mesmo sucesso. Os argumentos foram derrubados pelos ministros da Quarta Turma. A ministra Isabel Gallotti, relatora do processo, disse: “Tratamento experimental é aquele em que não há comprovação médico-científica de sua eficácia, e não o procedimento que, a despeito de efetivado com a utilização de equipamentos modernos, é reconhecido pela ciência e escolhido pelo médico como o método mais adequado à preservação da integridade física e ao completo restabelecimento do paciente”. De acordo com Renata, os planos também costumam argumentar que o procedimento é experimental para outros pedidos, como uso de medicação ainda não aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), especialmente em casos oncológicos. A Federação Nacional de Saúde Suplementar (Fenasaúde) informou que “observa com preocupação o acúmulo de decisões tomadas em âmbito judicial que deixam de considerar as condições contratuais, a regulação da ANS e as evidências de natureza médica, o que pode vir a comprometer a sustentabilidade do benefício privado de assistência à saúde”. A Associação Brasileira de Medicina de Grupo (Abramge) informou que não comentaria o assunto. FÁBIO RODRIGUES POZZEBOM

Obras em aeroportos restringem serviços a passageiros

« AVIAÇÃO »

Governo e aéreas querem check-in pela internet Operação especial de final de ano será implantada hoje em 12 aeroportos

B

rasília (AE) - Para evitar transtornos com o aumento no movimento dos aeroportos no fim de 2013, governo e empresas aéreas querem que os passageiros antecipem o check-in pela internet, em casa, ou pelo telefone celular. Começa hoje uma operação especial para minimizar dificuldades nos 12 principais aeroportos do País durante as festas de fim de ano e o período de férias. “Aproveitem a tecnologia. É uma sugestão das companhias aéreas apoiada pelas autoridades aeroportuárias. Nós engrossamos esse apelo para que os passageiros procurem, sempre que possível, utilizar a tecnologia e antecipar o check-in”, afirmou o chefe da Secretaria de Aviação Civil (SAC) da Presidência da República, Moreira Franco. Obras de reforma e ampliação reduziram, temporariamen-

te, o espaço para embarque e despacho de bagagens, destacou o consultor-técnico da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Adalberto Febeliano. “Precisamos que os passageiros aproveitem os meios remotos e cheguem ao aeroporto com o check-in já feito e mais antecedência”, afirmou. A operação especial vai durar 30 dias e envolverá órgãos públicos, empresas aéreas e concessionárias que administram os aeroportos privatizados - Guarulhos, Campinas (SP) e Brasília. Moreira Franco assegura um fim de ano tranquilo. “Temos condições de ter um período de festas se não melhor, pelo menos igual ao do ano passado, que foi relativamente tranquilo”, disse. De acordo com estimativa da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o movimento no fim deste ano deve se manter estável em relação a 2012. Em dezembro de 2012, os aeroportos transportaram 16,4 milhões de passageiros. Para 2013, a previsão é de 200 mil a mais.

Ipea propõe tarifa zero para 154 mil pessoas em Natal « TRANSPORTES » Nota técnica divulgada ontem estima que medida teria um custo anual de R$ 122 milhões com isenções e desonerações

U

m estudo elaborado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e divulgado ontem em Brasília, estima em R$ 2,5 bilhões o custo anual da desoneração para implantação da tarifa zero nos transportes coletivos nas nove capitais nordestinas. Em Natal, a medida beneficiaria 154.803 pessoas a um custo per capita anual de R$ 789,80 levando em conta o valor da tarifa cheia. São estudantes do ensino fundamental, ensino médio e ensino superior; desempregados, ocupados informais e estudantes inscritos no Prouni e no Fies. A ideia do Transporte Integrado Social (TIS) é que haja um pacto federativo para a desoneração completa dos serviços nos três níveis da federação e atingindo todos os insumos para a prestação do serviço de transporte coletivo urbano. Com a desoneração, o custo da tarifa cairia pelo menos 15%, segundo o Ipea. A proposta de desoneração considera a redução de tributos sobre o trabalho e na cadeia produtiva do setor (indústria de ônibus e de autopeças). “O entendimento do transporte como direito social pressupõe, ou ao menos torna necessária, a definição de políticas públicas que assegurem esse direito, criando e instituindo mecanismos que garantam não apenas a existência do serviço, mas que o acesso a ele se dê para todos os cidadãos”, diz a nota técnica do Ipea. Em relação à gratuidade, que seria bancada pela União, o TIS estabelece o benefício para cerca de 7,5 milhões de pessoas no Brasil. Segundo o Ipea, o custo final do benefício a esses grupos ficaria em cerca de R$ 4,8 bilhões por ano para a União e R$ 8 bilhões levando em conta os demais entes federados. O Ipea também propõe mecanismos como a bilhetagem eletrônica e a adoção de um cartão social para os beneficiados. “A política social não se resume à gratuidade, mas ela é um instrumento que temos para alcançar alguns objetivos sociais dessa política”, explicou Ernesto Galindo, um dos autores do estudo. O pesquisador explica que, atualmente no Brasil quem usa o transporte público de graça tem a tarifa subsidiada pelos demais usuários, indiretamente no valor da tarifa. “Achamos que isso é uma injustiça, porque, muitas vezes, a maioria dos usuários tem baixa renda e paga a gratuidade para outras pessoas que não necessariamente são de baixa renda”. Por ser uma política social federativa e pactuada, o TIS deverá ser definido em lei. Segundo o Ipea, a estrutura do TIS se-

RODSRIGO SENA

Brasileiros farão pesquisas no Cern Genebra, (AE) - Depois de três anos de um processo que parecia não ter mais fim, o Conselho Executivo do Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (Cern, na sigla em francês), deu a luz verde para que um tratado de adesão seja desenhado entre a entidade com sede em Genebra e Brasília, o que deve estar concluído em 2014. A iniciativa deve custar cerca de US$ 10 milhões por ano ao Brasil, mas abrirá as portas para licitações milionárias e formação de centenas de cientistas. Há três anos, diplomatas brasileiros mediaram a assinatura de uma carta de intenções com o Cern, entidade que entrou para a história com a criação da web há duas décadas e com a comprovação da existência do bóson de Higgs.

Tio de Kim Jong Un é executado

Custo em Natal seria de R$ 789,80 por pessoa, a preços de hoje

Custo da isenção Grupos de beneficiados no Brasil e custo nas capitais nordestinas Total

7.550.683

Ocupados informais

Desocupados

Estudantes EF, EM e ES

Estudantes Prouni e Fies

NORDESTE Município Natal Aracaju São Luís Salvador Recife João Pessoa Teresina Maceió Fortaleza Total

Beneficiários 154.803 100.120 233.412 534.094 339.342 169.864 199.892 239.337 619.365 2.590.229

Custo* 122,26 86,92 219,49 666,49 327,75 134,21 150,52 196,55 611,42 2.515,6

(*) Em R$ 1 milhão

ria formada por um convênio entre os entes da Federação, que institui um regime especial de tributação sobre serviços e insumos usados no transporte coletivo urbano, visando, por meio da desoneração, garantir preço justo e qualidade na prestação do serviço, transparência no processo licitatório, participação e controle social e ambiente de execução financeira tanto para o custeio, no caso da gratuidade, como para investimentos. Entre as principais vantagens

transporte público e a desoneração dos serviços seria mais difícil há cerca de um ano, mas agora está mais aceitável, principalmente por causa das manifestações que ocorreram em junho. “O cenário que vislumbramos não é tão pessimista. Percebemos que, de fato, é possível que isso ocorra. Antes tinham ocorrido só uns quatro ou cinco casos de redução de tarifas no Brasil, quase todos por decisão judicial. Depois dos protestos de junho, nas principais cidades, em torno de umas 30 já reduziram”, diz.

Pyongyang (AE) - Jang Song Thaek, tio do presidente da Coreia do Norte, Kim Jong Un, foi executado por “traição”, informa a agência estatal de notícias do país. No despacho, a mídia estatal norte-coreana desqualifica Jang - até poucos dias atrás considerado o segundo homem mais poderosos do país - como um “traidor pior do que um cachorro”. O anúncio ocorre apenas alguns dias depois de ele ter perdido todas as posições que detinha no governo em meio a denúncias de que era corrupto, usava drogas, era viciado em jogos, mulherengo e que levava uma vida “dissoluta e depravada”.

« ESTADOS UNIDOS »

Fonte: Ipea

da proposta estão a inclusão de pessoas no sistema, integração com outros programas sociais, a redução da tarifa do transporte público, o reforço do ambiente regulatório do transporte público, e um impacto positivo na inflação, com a redução da tarifa. Como desvantagem, ele aponta o impacto no orçamento do governo, desoneração de Contribuição para Financiamento da Seguridade Social/Programa de Integração Social (PIS/Cofins) de importação e de ICMS dos estados.

Medida atenderia a pleito do MPL O Ipea ressalta que tanto as desonerações como a gratuidade ocorreriam em um ambiente efetivamente regulado, com divisão de atribuições e cooperação entre entes públicos, de maneira criteriosa e buscando impactos na redução da tarifa e na qualidade do serviço ofertado. “Ou seja, diferentemente de outras desonerações ou gratuidades, haveria responsabilidade técnica, política e social na edição dessas propostas.” Para Ernesto Galindo, um dos autores do estudo, a implementação da gratuidade do

« CIÊNCIA »

« COREIA DO NORTE »

936.498

Justiça proíbe restrições a tratamento de saúde

3.097.245

« PLANOS DE SAÚDE »

3.206.786

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

310.154

6

Pela proposta do Ipea, a União participaria do TIS reduzindo a zero as alíquotas do PIS/Cofins da prestação de serviços, aquisição de combustíveis, peças e pneus. Os Estados abriam mão do ICMS cobrado na compra de veículos e demais insumos, concedendo subsídios ou restituição direta, enquanto os municípios isentariam o setor de taxas municipais e do Imposto sobre Serviço (ISS). “A proposta de desoneração considera a redução de tributos sobre o trabalho e na cadeia produtiva do setor”, explica o estudo.

Assinantes poderão desbloquear celulares Nova York (AE) - As principais provedoras de telefonia celular dos Estados Unidos e a Comissão Federal de Comunicações (FCC) anunciaram um acordo voluntário que permitirá que os consumidores desbloqueiem seus celulares para continuar a usá-los quando mudarem de provedora. As empresas que participam do acordo são AT&T, Sprint, T-Mobile, US Cellular e Verizon Wireless. O acordo determina que as provedoras desbloqueiem os aparelhos, ou peça, ao fabricante para fazê-lo, até dois dias depois de o assinante pedir.

« ÍNDIA » Inflação sobe 11,24% em novembro Nova Délhi (AE) - O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da Índia subiu 11,24% em novembro, ante o mesmo mês do ano passado, segundo dados divulgados pelo governo. A leitura corresponde a uma aceleração da alta dos preços em comparação com o avanço de 10,17% registrado em outubro. Os altos índices de inflação no país podem adicionar pressão para que o banco central do país eleve as taxas de juros novamente neste mês. O banco já elevou os juros em setembro e outubro para controlar a inflação, apesar da forte desaceleração do crescimento econômico.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

geral

Decretada prisão de mais dois

« TRENSALÃO »

« MENSALÃO » Relator do processo no Supremo Tribunal Federal rejeita apelações e decreta prisão do deputado federal Pedro Henry e do advogado Rogério Tolentino

B

rasília - Com prisão decretada pelo ministro Joaquim Barbosa, o advogado Rogério Tolentino se apresentou na noite de ontem na a sede da Superintendência da Polícia Federal em Belo Horizonte, segundo informações do portal de noticias G1, do sistema Globo de Comunicação. Tolentino chegou de carro em companhia do advogado que o defende, Paulo Sérgio Abreu e Silva. Na entrada do prédio ele disse que não sabia onde vai ficar preso, mas lembrou que já havia entrado pedido transferência para Minas Gerais antes mesmo de ser decretada a prisão pelo relator do processo do mensalão. A pena de seis anos e dois meses de prisão em regime semiaberto na Penitenciária José Maria Alckmin, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. O mandado de prisão foi expedido e encaminhado para a Polícia Federal. A decisão foi tomada após Barbosa determinar o fim da Ação Penal 470, o processo do mensalão, para Tolentino. Barbosa entendeu que as penas devem ser executadas imediatamente, porque não cabem mais recursos contra a condenação. Tolentino foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A medida atinge também o deputado federal Pedro Henry (PP-MT), condenado a 7 anos e 2 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. Com isso, o parlamentar poderá ser preso a qualquer momento para iniciar o cumprimento da pena imposta pelo plenário do STF por envolvimento no esquema de compra de votos no Congresso.

JOSE CRUZ/ABR

De acordo com despacho de Joaquim Barbosa, ocorreu ontem o que no jargão jurídico é denominado “trânsito em julgado” do processo. Ou seja, quando o resultado de um julgamento se torna definitivo e não pode mais ser modificado. O trânsito em julgado foi decretado ainda em relação a Rogério Tolentino, advogado do publicitário Marcos Valério Fernandes de Souza, também condenado. O passo seguinte ao trânsito em julgado deverá ser a execução da pena, isto é, o recolhimento do condenado a um estabelecimento penitenciário para que ele comece a cumprir a punição no regime semiaberto. Nesse sistema, ele pode pedir autorização do Judiciário para se ausentar da prisão durante o dia para trabalhar. No entanto, terá de retornar para dormir na cadeia. A expectativa é de que antes de ir para a penitenciária, Pedro Henry siga o exemplo de dois ex-colegas, José Genoino e Valdemar Costa Neto, que renunciaram aos mandatos. Costa Neto está no complexo penitenciário da Papuda, onde também cumprem pena outros condenados por envolvimento com o mensalão, como o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. Após ter passado menos de uma semana na Papuda, José Genoino alegou que estava com problemas cardíacos e foi transferido para um hospital em Brasília. Depois de ter recebido alta hospitalar, ele foi para prisão domiciliar, onde está até hoje. Joaquim Barbosa precisa definir a situação de José Genoino. Ou seja, se ele permanecerá em prisão domiciliar ou se irá para a prisão. ANTONIO CRUZ/ABR

Joaquim Barbosa: trânsito em julgado para mais dois envolvidos no processo do mensalão

Defesa apresenta dieta de Jefferson Brasília (AE) - Salmão defumado, omelete de claras, geleia real... os advogados do ex-deputado federal Roberto Jefferson apresentaram ao Supremo Tribunal Federal (STF) a dieta prescrita para o ex-congressista para tentar convencer o presidente da Corte, Joaquim Barbosa, a deixá-lo em prisão domiciliar. Os advogados do ex-parlamentar afirmam que ele sofre de doença metabólica em razão de recente tratamento para câncer no pâncreas e necessita de cuidados nutricionais e higiênicos indisponíveis em todo o sistema prisional brasileiro. Na petição entregue ao Supremo, a defesa reconhece que atualmente não existem sinais de câncer no organismo de Jef-

ferson, mas afirma que ele precisa ter uma dieta regrada. Por esse motivo, pede que seja autorizada a prisão domiciliar no município de Comendador Levy Gasparian, no Estado do Rio de Janeiro. “Parece claro, pois, que o sistema prisional não terá condições de prover todo o acompanhamento nutricional necessário para a manutenção da vida do requerente, com alimentação especial e extremamente regrada, em intervalos pequenos de tempo, e hidratação constante”, afirmou a defesa. “As condições de higiene que se mostram necessárias em razão de seu tênue equilíbrio metabólico igualmente não poderão ser fornecidas pelo sistema prisional, sendo certo que qual-

7

quer deficiência nesses cuidados gerará o aumento de intercorrências inflamatórias e infecciosas que, diante de seu já frágil estado de saúde, poderão abreviar seu tempo de sobrevida”, acrescentaram os advogados. Responsável pela acusação, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já manifestou preocupação com os cuidados necessários para garantir a saúde de Jefferson. Em parecer enviado nesta semana ao STF, Janot pediu ao tribunal que determine a realização de uma diligência na unidade prisional para onde pretende mandar o ex-deputado para verificar se o estabelecimento tem condições de prestar atendimento adequado a ele.

Inquérito cita três secretários de Alckmin Brasília (AE) - Três secretários de Estado do governo Geraldo Alckmin (PSDB) passaram a ser investigados formalmente com a chegada do inquérito do cartel de trens ao Supremo Tribunal Federal. A ministra Rosa Weber será a relatora do caso, que está em Brasília pelo fato de os auxiliares do primeiro escalão do governador paulista serem deputados federais licenciados com prerrogativa de foro especial. São investigados o chefe da Casa Civil do governo, Edson Aparecido (PSDB), o secretário de Energia, José Aníbal, e o secretário de Desenvolvimento, Rodrigo Garcia (DEM). O deputado federal Arnaldo Jardim (PPS), aliado dos tucanos paulistas, também é alvo do inquérito que agora está no Supremo. A investigação sobre o cartel foi iniciada em 2008, após as suspeitas sobre pagamento de propina pela empresa francesa Alstom serem levantadas no exterior. Desde então, seis pessoas foram indiciadas, entre elas o expresidente da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) Oliver Hossepian, o exdiretor da estatal João Roberto Zaniboni e o consultor Arthur Teixeira, apontado como lobista e intermediador de "comissões" das multinacionais que atuam no setor metroferroviário. A suspeita é que o cartel tenha atuado para obter contratos superfaturados de trens e metrô entre os anos de 1998 e 2008, durante as gestões dos governadores tucanos Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin. O caso tramita em segredo de Justiça.

Espetáculo abre festividades « CELEBRAÇÃO » Natal em Cena, que faz parte da programação da

Prefeitura, será encenado na Árvore de Mirassol e na zona Norte

EMANUEL AMARAL

D Dilma e Hollande defendem reações firmes contra espionagem

« DIPLOMACIA »

Brasil e França se unem para defesa cibernética Dilma e François Hollande defendem união para combater espionagem na web

B

rasília (ABr) - Após reunião no Palácio do Planalto, a presidenta Dilma Rousseff e o presidente francês, François Hollande, defenderam ontem a união de esforços entre os dois países na área de defesa cibernética. Brasil e França foram alvo de espionagem pela Agência Nacional de Segurança (NSA, em inglês) americana. “Muito nos interessa uma parceira com a França em todas as áreas que dizem respeito à defesa cibernética”, disse Dilma em declaração à imprensa. “Queremos ser sócios na construção de uma ordem mundial mais justa, mais igualitária e democrática”, acrescentou. A presidenta convidou Hollande para participar de evento sobre governança cibernética que ocorrerá em São Paulo, em abril do próximo ano, e reunirá representantes de governos e

sociedade civil. Hollande respondeu que enviará uma delegação francesa. O presidente da França disse que é preciso ter reações firmes em relação ao tema. “Uma série de revelações faz com que tenhamos uma reação firme e que tenhamos uma política que proteja nossos direitos e evite que isso se repita.” Ele informou que, durante a reunião, reiterou o apoio da França à iniciativa tomada por Dilma quanto à governança digital. Em novembro, Brasil e Alemanha apresentaram na Assembleia Geral das Nações Unidas um projeto de resolução sobre o direito à privacidade na era digital. “Apoiamos essa iniciativa porque ela é necessária para nossa soberania e também para as liberdades individuais”, destacou Hollande. Antes, Hollande se reuniu, durante 45 minutos, com o ex-presidente Lula da Silva . A reunião foi realizada na embaixada da França. Segundo a assessoria do Instituto Lula, eles discutiram a crise econômica europeia e a situação dos partidos de esquerda na América Latina e na Europa.

entro da programação natalina da capital potiguar, a Prefeitura de Natal abriu ontem as atividades do Natal em Cena, que neste ano substitui o Auto do Natal, considerado o ponto alto dos festejos em anos anteriores, fortalecendo o teatro local. Na zona sul, mais precisamente na Árvore de Mirassol, a atração foi a “A Estrada ou O Milagre da Fé”. Já na zona norte, na área externa do Ginásio Nélio Dias, os potiguares receberam a montagem “Encruzilhada do Mundo ou Sobre a Areia e o Vento”. O Natal em Cena continua pelos dias 12, 13 e 14. Nos dias 19, 20 e 21, as atrações invertem os locais de apresentação. A programação do Natal em Natal segue com os shows de Roberta Sá (13/12) e Zeca Baleiro (20/12) em Mirassol; e de Elba Ramalho (14/12) e Fagner (21/12), na zona norte. No primeiro dia de programação do Natal em Cena, cerca de 300 estiveram presentes na Árvore de Mirassol para assistir à montagem “A Estrada ou O Milagre da Fé”, que conta a história da trupe mambembe Os Atores do Sol, recém chegada a Natal para encenar “O Nascimento de Cristo”. Nessa sobreposição de peças, entre paixões e embates, a ideia central se revela no dilema que afeta os artistas: se vale à pena permanecer no mundo da Arte. Do outro lado do rio Potengi, no Ginásio Nélio Dias, “Encruzilhada do Mundo ou Sobre a Areia e o Vento” traz como cenário uma cidade rodeada pelas dunas e pelo mar, onde um hangar vira uma encruzilhada de vidas e tempos. O espetáculo con-

Milagre da Fé, encenada em Mirassol, conta a história da trupe mambembe “Os Atores do Sol”

ta um período histórico da cidade através de moradores quase ilustres. O tempo começa em 1902, com a morte do pioneiro da aviação, Augusto Severo, em Paris, até 1955, quando Natal mergulha no marasmo que sucedeu a efervescência da Segunda Guerra Mundial. Com base em um debate com o segmento teatral, a Fundação Capitania das Artes investiu nesse ano em um formato diferente de espetáculo de fim de ano. As apresentações seguem por três dias, até sábado (14), sempre no mesmo horário; e retornam próxima semana, (dias 19, 20 e 21), quando os grupos fazem rodízio de palco e encerram a temporada de seis encenações cada. O acesso é gratuito.

Livre de amarras e formatos pré-determinados, o edital Natal em Cena selecionou dois projetos inéditos e preenche a vaga deixada pelo Auto de Natal. Com isso, a conhecida superprodução natalina ganhou novos contornos, apresentando novos conteúdos e maiores possibilidades de experimentação cênica e dramatúrgica. “A Estrada ou O Milagre da Fé” foi selecionado na categoria “Natal e a Religião” e tem chancela da Casa da Ribeira, com direção de Henrique Fontes e dramaturgia de Clotilde Tavares. Já “Encruzilhada do Mundo ou Sobre a Areia e o Vento”, contemplado na categoria “Natal, sua história, seus bairros, sua gente” traz em sua base os coletivos Bololô

Cia Cênica e Atores à Deriva, com direção do paulista Luiz “Lubi” Fernando Marques (Grupo XIX de Teatro), e texto assinado por Luana Menezes, da Bololô. Serviço Temporada Natal em Cena: dias 12, 13 e 14 de dezembro, sempre às 20h. Apresentações dos espetáculos “A Estrada ou O Milagre da Fé”, na Praça da Árvore de Mirassol (zona Sul); e “Encruzilhada do Mundo ou Sobre a Areia e o Vento”, na área externa do Ginásio Nélio Dias (zona Norte) – nos dias 19, 20 e 21 os grupos invertem o local de encenação. Shows: Roberta Sá (13/12) e Zeca Baleiro (20/12), em Mirassol; Elba Ramalho (14/12) e Fagner (21/12), na zona Norte.


8

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

geral


NO FACEBOOK

Curta e compartilhe charge de Emanoel Amaral.

TÁBUA DE MARÉS

TEMPO HOJE

Preamar 01h32 - 2.0 - 14h00 -2.1 Baixa-mar 07h30 -0.6 - 20h00 -0.5

Máx.: 30ºC Mín.: 25ºC Parcialmente nublado

facebook.com/tribunarn

NA TN ONLINE

LUIZ ROBERTO FONSECA [SESAP] FALA SOBRE PEDIDO DE ILEGALIDADE DA GREVE DA SAÚDE • PÁGINA 10

Confira hotsite da Moblidade Urbana

tribunadonorte.com.br

natal Editora: Margareth Grilo [ margareth@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013

Eleitor tem 48h para fazer revisão « BIOMETRIA EM NATAL » Quem não comparecer até amanhã terá o título cancelado. Somente em 2014, as Zonas Eleitorais abrirão um novo prazo de cadastramento, sob aplicação de multa

Q

uem deixou para fazer o recadastramento biométrico na última hora tem hoje (13) e amanhã (14) para comparecer ao Fórum Eleitoral de Natal, das 8h às 18h, e realizar o procedimento. O fórum fica localizado à rua Rui Barbosa, no Tirol, por trás do IFRN,e irá estender atendimento de plantão até as 21h, mas os portões serão fechados às 18h. Já o prazo para o atendimento com agendamento foi encerrado ontem. Por volta das 15h30, os portões para o atendimento das pessoas que não tinham feito o agendamento, também foram fechados, devido ao número de pessoas que se aglomeravam no local. Poliana Bernardo saiu da Zona Norte, às 9h da manhã e quase às 16h, ainda aguardava o atendimento. “Eu já havia feito o agendamento e perdi o prazo, agora estou aqui, aguentando sol forte desde cedo, nem almocei, mas espero conseguir ser atendida hoje”. Tatiana Freire, estudante de Direito, esteve entre as pessoas que reclamavam da falta de organização: “Quando cheguei às

JÚNIOR SANTOS

14h, os guichês ainda estavam chamando os atendimentos agendados para 12h20. Mas o problema maior ainda é a desorganização lá fora” - comenta. De acordo com a assessoria do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), 115 guichês trabalham para atender até 5.200 pessoas por dia. O último levantamento, da quarta-feira (10), aponta que 430 mil eleitores já fizeram a revisão biométrica. O TRE avalia que a adesão das pessoas ao recadastramento biométrico foi muito positivo, já tendo alcançado a meta de 80% necessária para que a biometria prossiga sendo aplicada na capital nas eleições do próximo ano. O eleitor deve lembrar que o TRE está privilegiando o atendimento aos eleitores de Natal, por isso, hoje e amanhã, não há possibilidade de atender pedidos dos eleitores que querem se alistar pela primeira vez e nem mesmo os que precisam de transferência eleitoral para a capital. Para estas situações, o prazo de atendimento só termina em 7 de maio de 2014, ou seja, 151 dias antes das Eleições Gerais do pró-

ì BALANÇO 430 mil eleitores já fizeram a revisão biométrica, o que bate a meta de 80% necessária estabelecida pelo TSE para que a biometria seja aplicada na capital nas eleições do próximo ano

www.tribunadonorte.com.br

FOTOS Diariamente, até 5.200 pessoas estão sendo atendidas em 115 guichês montados pelo TRE

ximo ano. Esse é o prazo estabelecido pela legislação para que o cadastro eleitoral seja fechado antes das Eleições. A revisão do eleitorado é obrigatória para todos os eleitores de Natal. Francisca Lima, 73

anos, concluiu ontem o seu recadastramento biométrico, com satisfação: “Desde que eu era jovem, nunca deixei de votar, porque é nosso direito”. O eleitor que deixar de comparecer ao TRE para atualizar

seus dados dentro do prazo, terá seu título cancelado e, com isso, terá limitações para tirar passaporte, participar de concursos públicos, pedir empréstimos em bancos oficiais, matricular-se em instituição de ensino superior e

confira galeria de imagens da movimentação no Fórum Eleitoral

restringe pagamentos federais. Um novo prazo de cadastramento, sob aplicação de multa, somente deverá ser aberto no próximo ano, de acordo com cronograma a ser divulgado pelas Zonas Eleitorais de Natal.


10

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

natal

Santa Catarina encerra pediatria hoje « SAÚDE INFANTIL » Faltam profissionais para o fechamento da escala de dezembro do pronto-atendimento.

Hospital tem pediatra somente até as 16h de hoje. Oficialmente o serviço será desativado em janeiro FOTOS: JÚNIOR SANTOS

DAÍSA ALVES repórter

O

fechamento do atendimento aberto pediátrico nos hospitais estaduais é uma das reclamações que geraram a greve dos servidores da saúde estadual. Desde o início de dezembro, o Hospital Deoclécio Marques não realiza o pronto-atendimento infantil, e no Hospital Santa Catarina esta é a última semana que o serviço funciona. A média de atendimento pediátrico nessa unidade é de 600 por mês. A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) explicou que a mudança é necessária para a regularização hierárquica da rede, com o serviço básico sendo realizado pela rede municipal e o de alta complexidade, pelo Estado. Durantetodooano,osetorvem com dificuldade do fechamento da escala e, por isso, só realiza atendimento até a metade do mês. A escala de dezembro vai até hoje, às 16h, quando encerra oserviço. Oficialmente o pronto-atendimento será desativado em janeiro. Com os mesmos problemas, o Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, desativou o atendimento de pronto-socorro infantil ao início deste mês. O Hospital Maria Alice, em Natal, já funciona em regime de porta regulada, desde 2010, atendendo apenas casos de urgência encaminhados. Renata Silva, subcoordenadora da Coordenadoria de Operacionalização de Hospitais e Unidades de Referência-Cohur, explicou que existe um processo de reorganização da rede de saúde. Hoje, segundo ela, com “um problema cultural”, os hospitais es-

Governo pedirá ilegalidade da greve da Saúde

ì QUEM Renata Silva, subcoordenadora do Cohur

O QUE Explicou que existe um processo de reorganização da rede de saúde, para que o serviço básico seja feito pelo município, e o de alta complexidade, pelo Estado

taduais atendem a demanda de baixa complexidade que deveriam ser da competência da rede municipal. “Temos de otimizar para garantir a eficiência naquilo que somos responsáveis”, declara. Dessa maneira, o Hospital Santa Catarina será específico para o atendimento Materno-Infantil de Alta Complexidade, abrangendo o setor de obstetrícia e neonatal. Os sete pediatras que realizavam o atendimento serão remanejados dentro do próprio hospital, principalmente para o complemento da escala da UTI neonatal. Ivoneide Maria, dona de casa, não sabe para onde levará seu filho após o fechamento do Santa Catarina. Ela mora no bairro Parque das Dunas e desde o início da manhã de ontem procurava atendimento o filho Charles Júnior, de nove anos. “Não tem para onde ir. Na UPA de Pajuçara nunca tem médico, o Sandra Celeste fica do outro lado da cidade”, reclama. A orientação para a população é de procurar as UPAs ou o Sandra Celeste.

A partir das 16 horas, a pediatria do Hospital Santa Catarina não tem equipe para manter o serviço

Paralisação dos servidores estaduais interrompe 23 cirurgias no Hospital Maria Alice, na zona Norte

tn faTODOS mílOSia DOMINGOS NA TRIBUNA DO NORTE

A Sesap encaminhou ontem para a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) o pedido de ilegalidade da greve dos servidores da Secretaria, sob a justificativa de ser um movimento político. Porém, até o fechamento dessa edição, o procurador-geral do Estado, Miguel Josino, não havia recebido a documentação. Nesses três dias greve, as atividades estão prejudicadas. No Hospital Pediátrico Maria Alice, 23 cirurgias deixaram de ser realizadas pela falta de efetivo, que aderiu ao movimento. Na lista de reclamações dos servidores pesa a acusação de descumprimento do acordo feito entre a Sesap e Sindicato, em outubro. Entre as reivindicações, está o envio para a Assembleia Legislativa do projeto de lei que trata da implantação da tabela salarial elaborada pelo Dieese, com base na Lei 333/2006. O problema é que a AL entra em recesso a partir de hoje. O secretario da pasta, Luís Roberto Fonseca, promete enviar o documento logo após o recesso e garante que será em tempo suficiente para o cumprimento do acordo. Insatisfeitos, os servidores fizeram protesto ontem pela manhã em frente ao Hospital Santa Catarina. O local foi estratégico diante da decisão de fechamento do pronto-atendimento pediátrico da unidade. Nesta sexta-feira, 13, pela manhã, o sindicato se reunirá para decidir os encaminhamentos da greve.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

natal

11

DP soma 300 inquéritos parados « HOMICÍDIOS » Situação foi verificada na 14ª DP, em Felipe Camarão. Delegacia não consegue dar conta da

“montanha” de inquéritos. Somente este ano, foram abertas 72 novas investigações, que avançam lentamente FOTOS: JÚNIOR SANTOS

FELIPE GALDINO

Coedhuc aponta 535 homicídios em Natal este ano

repórter

R

esponsável pela investigação de crimes no bairro de Felipe Camarão, na zona Oeste de Natal, a 14ª DP tem, no momento, perto de 300 investigações de homicídios ocorridos nos últimos cinco anos para dar conta. Do total, 72 foram abertas este ano, e avançam a passos lentos. Esse é apenas um exemplo. As delegacias distritais de três das áreas que registram mais assassinatos em Natal (Quintas, Felipe Camarão e N Sra. Da Apresentação) instauraram, este ano, 148 inquéritos, que estão praticamente parados. Na 14ª DP, o trabalho é árduo para o delegado titular, Luiz Lucena, que conta com nove agentes e duas viaturas. “Não temos estrutura suficiente para investigar todos os crimes, principalmente aqueles que envolvem o tráfico de drogas”, alertou Lucena. Segundo ele, o número de agentes está muito abaixo do ideal. Ele reclama da estrutura atual e destaca a necessidade de criação de uma Divisão de Homicídios para aliviar o peso sobre a equipe. “São nove agentes quando o ideal deveria ser no mínimo 20. Ficamos sobrecarregados com os inquéritos de homicídios e enquanto não criarem um DHPP [Divisão de Homicídios], vamos continuar assim”, alertou Lucena. Ele mostra a situação da delegacia que assumiu há apenas dois meses. As prateleiras na sua sala e no cartório da DP estão abarrotadas de inquéritos deste ano e de até cinco anos atrás. São envelopes e mais envelopes, pastas e mais pastas de papéis que compõem uma investigação policial. Na zona Norte, a 9ª DP tem situação parecida: são oito policiais, duas viaturas e 54 inquéritos de homicídios instaurados neste ano, sem contar as ocorrências que ainda estão sob análise e não foram iniciadas. O delegado Dimas Genuíno que assumiu a DP há apenas duas semanas afirma que a questão do homicídio é o ponto crítico em todas as delegacias. “Aqui já foram uns 210 inquéritos instaurados, sendo 54 homicídios. Nesta semana, já foram três casos e já tive de passar a ouvir as testemunhas”, comentou. O mesmo cenário pode ser visto onde funciona a 7ª DP. A unidade que cobre as Quintas e o Bairro Nordeste conta com 10 agentes, um delegado, um escrivão e duas viaturas. Em 2013, soma 85 inquéritos, sendo 22 referentes a homicídios. Com a sede oficial no bairro das Quin-

Prateleiras da 14ª Delegacia de Polícia estão abarrotadas de inquéritos dos últimos cinco anos, que estão praticamente parados

ì QUEM Delegacias de Polícia Civil de Natal

O QUE Déficit de agentes e falta de estrutura atrasam diligências e dificultam a conclusão dos inquéritos

tas interditada há quatro meses, a delegacia funciona provisoriamente no 1º andar do prédio da 14ª DP, em Felipe Camarão. Segundo o chefe de investigação, Givanilson Ferreira, o número de boletins de ocorrência vem caindo muito pelas dificuldades de deslocamento da população. Existe apenas uma linha de ônibus que liga Quintas à Felipe Camarão. Os números da violência assustam. Neste ano, Macaíba já conta com o maior número de assassinatos da história: quase 90 registros. Pouco se vê quanto à conclusão de investigações e a prisão dos culpados. A última ação do tipo, na cidade, foi na quarta-feira, 11, quando policiais civis de Macaíba prenderam duas pessoas acusadas de serem mandante e executora do assassinato do flanelinha Wagner Aguiar de Lima, 24, morto em 6 de outubro.

Sesed não tem data para abrir Divisão de Homicídios A criação da chamada Divisão de Homicídios é muito bem vinda para cada um dos delegados distritais de Natal . Em toda delegacia, a reclamação parece ser a mesma: o alto número de homicídios em investigação acaba interferindo no trabalho investigativo de outros casos, como assaltos, furtos ou o combate ao tráfico de drogas. É na implantação dessa mega unidade de Polícia Civil que está a esperança desses delegados e suas equipes. Só há um problema: o projeto já entra ao menos no seu segundo ano e ainda não saiu do papel. O delegado geral, Ricardo Sérgio, afirma que tudo está sendo encaminhado à Consultoria Geral do Estado e à Secretaria de Estado da Administração e Recursos Humanos (Searh), mas que ainda não se sabe nem mesmo onde será sediada a unidade. A Delegacia Geral de Polícia Civil (Degepol) estuda alugar um prédio já pronto, mas definiu ainda em que endereço. Quanto a orçamento, nem isso tem. O projeto está indo para a CGE para ser feita a sua análise jurídica, e a Searh fará o estudo do impacto na folha de pagamento do Estado. “São muitas variáveis, por isso não podemos

PM prepara Operação Verão Seguro Nesta e na próxima semana, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) promete lançar quatro grandes operações: a Verão Seguro, a Avante, a Sertão Seguro e a Divisa Segura. A Operação Verão Seguro faz parte da forçatarefa da Sesed para o combate ao crime e uma resposta à sociedade. Segundo o Comando da Polícia Militar, provavelmente na próxima semana o reforço policial será feito no litoral potiguar, devendo seguir até fevereiro de 2014. Sem a reestruturação de delegacias ou a criação da Divisão de Homicídios, por ora, a alternativa da Sesed vem sendo reforçar o policiamento ostensivo. O secretário de Segurança Pública, Aldair da Rocha, prometeu uma força tarefa há quinze dias. Porém; passado esse período, a promessa se mantém. A reportagem não conseguiu contato com o titular da pasta, mas em conversa com o comandante geral da PM, coronel Francisco Araújo, rece-

beu a informação de que as operações estão a caminho. Apenas na semana que vem, a Operação Verão Seguro deverá ser desencadeada porque a Sesed ainda estuda como ela será feita. De acordo com o coronel Araújo, não se sabe ainda sequer os custos da mobilização ou quanto será o reforço do efetivo. “Como acontece todo ano, ainda estamos em fase de planejamento e não dá para fornecer detalhes. O que sabemos é que devemos terminar mais cedo do que nos anos anteriores porque as aulas vão começar mais cedo devido à Copa do Mundo. O mais importante será a integração entre os órgãos de segurança pública”, disse. A expectativa era de que ontem, ao menos duas operações da prometida força tarefa fossem iniciadas: a Operação Avante e a Sertão Seguro. Mas a Sesed não liberou qualquer informação confirmando o início das operações. A primeira será realizada em Natal e nas cidades vizinhas,

com a atuação de 100 homens, incluindo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), BP Choque e Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), que devem realizar barreiras policiais nas ruas e aumentar a vigilância. No interior, o reforço será por equipes do Bope. Serão quatro viaturas disponibilizadas com a atuação de 16 homens, nas principais cidades da região. Na terça, a operação, Divisa Segura, foi iniciada nas fronteiras com Ceará e Paraíba. Nessas regiões, segundo o coronel Araújo, como o trabalho será feito em conjunto com as polícias vizinhas, quem atuará serão os efetivos lotados nas próprias cidades que ficam na fronteira. Os recursos para a realização dessas operações virão de convênios do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), segundo a Sesed. Serão R$ 5 milhões usados para o pagamento de diárias operacionais aos policiais.

Dados do Conselho Estadual de Direitos Humanos divulgados na última terça-feira, mostra que até o dia 9 de dezembro, quando o levantamento foi finalizado, já tinham sido registradas 535 mortes com indicativo de homicídio em Natal. Destes, 460 foram praticados com o uso de arma de fogo e 40 crimes cometidos com arma branca. Os demais foram espancamento e outras formas. Das ocorrências registradas, 205 foram, na zona Oeste (38,3%); 226, na zona Norte (42,2%); 68 na zona Leste (12,7%) e 34, na zona Sul (6,3%). O bairro N. Senhora da Apresentação, que pelo último anuário da Prefeitura, conta com mais de 80 mil habitantes, aparece com 80 homicídios registrados, dos quais 65 provocados por arma de fogo. Do total de vítimas, 71 eram homens

O que mais assusta é a indiferença da Secretaria de Segurança Pública” MARCOS DIONÍSIO

presidente Coedhuc

Delegado Luiz Lucena, da 14ª DP, cobra Divisão de Homicídios

tar seu quadro de pessoal pois esbarra nos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). “Sem a nomeação não temos como implantar, precisamos de mais pessoal”, enfatiza Ricardo Sérgio. O presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos, Marcos Dionísio, alerta para os elevados números de mortes violentas e a relação direta dos casos com a impunidade. Para Dionísio, se o Estado não age, o crime ocupa espaços e quem perde é a sociedade. A impunidade tem relação direta com a falta de reação das autoridades, segundo o presidente do Conselho. Os crimes são registrados, diz ele, mas a maioria das investigações não resulta em prisões ou mesmo indiciados.

NÚMERO

80 é o número de policiais necessários à criação da Divisão de Homicídios.

definir”, explicou Sérgio. De concreto só se tem o efetivo a ser disponibilizado para essa divisão especial da Polícia Civil. A proposta é que 80 policiais, sendo 18 delegados, 17 escrivães e 45 agentes façam parte da mega equipe. Mas é um dos impasses. A atual gestão estadual alega que não pode aumen-

e três, mulheres. Outro dado apontado pelo estudo é de que 24 vítimas tinham até 21 anos. Em Felipe Camarão, o estudo identificou 54 assassinatos, em 2013. Na 14ª DP, que tem jurisdição nessa área, o número de inquéritos abertos é de 72, mas inclui as ocorrências do bairro Cidade Nova. Também na zona Oeste, o bairro das Quintas, que faz parte da jurisdição da 7ª DP, teria registrado 24 homicídios em 2013. A 7ª DP abriu 22 inquéritos este ano. O estudo ainda aponta 0,5% a crimes que ocorreram em zonas desconhecidas. “A elevação no número de homicídios”, aponta o presidente do Coedhuc, Marcos Dionísio, “é causada pela contínua ausência do poder público. A ostensividade da Polícia Militar vem sendo retirada das ruas, faltam políticas públicas. Os números assustam, mas o que mais assusta é a indiferença da Secretaria de Segurança Pública”.

Homicídios em Natal Levantamento elaborado pelo Conselho Estadual de Direitos Humanos

535

Distribuição por zonas

mortes com indícios de homicídio foram registradas em 2013. Ferramenta

Bairros campeões de homicídios:

42,2% Norte

12,7%

460

Leste

armas de fogo

38,3% Oeste

6,3%

40

armas brancas

35

outros

Sul

N. S. Apresentação (zona Norte)

80

Felipe Camarão (zona Oeste)

54

Quintas (zona Oeste)

24

Mãe Luíza (zona Leste)

19

Ponta Negra (zona Sul)

14

homicídios

homicídios

homicídios

homicídios

homicídios


12

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

e-turismo ANTONIO ROBERTO ROCHA [antonioroberto@tribunadonorte.com.br ]

Turismo do RN está órfão Sem saldar compromissos com os fornecedores, não ter crédito para passagens aéreas ou diárias, não participar de feiras de Turismo importantes (duas delas num polo emissor em potencial, como o interior paulista) e não apresentar qualquer planejamento para 2014, a Secretaria de Turismo do RN agoniza. Nem ao menos sabemos, aliás, se há secretário. O pedido de exoneração de Renato Fernandes valeu? Até ontem, pelo menos, ele trabalhava normalmente. E a Emprotur, que surgiu para promover o RN e também patina na apatia? Esta tem presidente ainda. Mas em meio ao turbilhão que dá ares de avalanche ao turismo potiguar, ele preferiu os parques da Disney.

RN no Correio Braziliense O Correio Braziliense dedicou seu caderno de Turismo (quatro páginas) desta semana ao Turismo potiguar. Bela mídia. Espontânea e oportuna. O trabalho é fruto da presstrip que a Secretaria de Turismo de Natal e um grupo de 30 empresários promoveu em novembro, com ênfa-

se no "Natal em Natal". Até o final do ano, vários outros jornais de peso pelo país afora vão estampar o Rio Grande do Norte em seus caderno de Turismo. Um deles será O Globo, cuja repórter Isabel Araújo fez um amplo trabalho de apuração quando aqui esteve, no mês passado.

Final de janeiro preocupa As perspectivas para o Réveillon são muito boas em Natal. A hotelaria vai superlotar. Idem em relação à primeira quinzena de janeiro. Segundo se comenta, porém, a partir de 20 de janeiro a queda no número de visitantes será abrupta em Natal, o que já preocupa operadores, agentes de viagem que trabalham com receptivo e hoteleiros, que têm pouco tempo para reverter a tendência.

Forró danado de bão O Forró com Turista, que há quase 30 anos anima as noites de quinta-feira no Centro de Turismo, reunirá 200 parceiros comerciais e amigos para confraternização de final de ano na próxima quarta-feira, a partir das 20h. Trata-se de um empreendimento familiar (Francisco Bar-

natal

Papai Noel dos Correios realiza sonhos de Natal « PRESENTES » Até agora, 6 mil cartinhas foram apadrinhadas. Ontem, o programa esteve na Escola Jean Mermoz, onde contemplou 250 crianças FOTOS: EMANUEL AMARAL

FELIPE GALDINO repórter

S

onhando ser um jogador profissional, uma bola de futebol era tudo o que o pequeno Everton Paulo, de 9 anos, queria ganhar de presente no Natal. Na expectativa de ter o desejo realizado, o garoto resolveu escrever uma cartinha ao Papai Noel e torcer para ser atendido. Ontem, na Escola Estadual Jean Mermoz, no Bom Pastor, bairro da zona Oeste de Natal, ele viu finalmente seu pedido realizado pelo Bom Velhinho. Everton é uma das mais de 6 mil crianças já apadrinhadas, que ganharam ou vão ganhar um presente do programa “Papai Noel dos Correios”. Só na sua escola, foram 250 entregas. Em todo o Estado, 12.500 cartas foram cadastradas no órgão postal. O Papai Noel estava ali, sentado numa cadeira à sua frente. Nas mãos, um embrulho esférico. Após ouvir seu nome, Everton, do 3º ano do ensino fundamental, levantou-se do chão onde estava sentado junto com os colegas e se encaminhou ao Bom Velhinho. Após um forte abraço,

Crianças de nove turmas da Jean Mermoz foram contempladas

a alegria de ter um desejo atendido tomou conta do menino. Já com seu presente nas mãos - uma bola novinha - o garoto não conseguia esconder a felicidade. “Era o que eu queria, gosto muito de jogar [futebol] e estava faltando uma bola. Já estava na expectativa [desde que escreveu a carta] e estou muito feliz”, comemorou o menino, que sonha em ser um jogador de futebol famoso assim como seu ídolo, Hernane, que atualmente é

atacante do Flamengo. “Sou flamenguista desde pequeno”, disparou ele pouco antes de sair correndo em direção aos amigos, mostrando a nova aquisição. Outro que saiu feliz da vida foi o pequeno Abraão da Silva, 8 anos. Mas em vez de sair pulando de felicidade, o aluno do 2º ano do ensino fundamental foi pedalando. Dois meses atrás ele escreveu sua carta e esperava com ansiedade. Ontem a espera acabou. Ele ganhou o presente que que-

ria: uma bicicleta novinha. “Valeu a pena esperar, gostei do presente”, disse, completando: “Ano que vem quero um boneco”. Ao lado dele, a mãe parecia satisfeita com a alegria do filho. Dona de casa, Maria da Conceição, 39, diz que Abraão tinha uma bicicleta, mas muito velha, precisava ser substituída. Sem condições de comprar uma nova, o menino resolveu pedir a ajuda de São Nicolau. “Eu tinha certeza que ele ia ganhar. Agradeço primeiramente a Deus e aos doadores que deram essa alegria”, afirmou, enquanto via Abraão pedalando pelo pátio do colégio. “A partir de segundafeira já dá para ele vir de bicicleta para escola”, brincou Dona Maria da Conceição. Vários presentes estão entre a lista entregue pelo Bom Velhinho dos Correios. Os pedidos vão desde bolas e bicicletas, como os de Everton e Abraão, a bonecas, carrinhos e alguns desejos mais inusitados, como material escolar. Neste ano, uma cama fez parte do pedido de uma carta e noutra, o jovem Isaías, de 14 anos, pediu um tratamento dentário.

bosa, a esposa Sílvia Regina e o filho Igor) voltado para famílias de turistas ou de norte-riograndenses que buscam um local confortável e seguro para dançar forró. Sem dúvida, já pode ser considerado caso de sucesso no entretenimento noturno e turístico de Natal.

BATE-PAPO Helder Cavalcanti Vieira diretor regional do Senac

A procura por qualificação devido à Copa do Mundo teve incremento percentual de que ordem em 2013?

Pela natureza da atividade do Senac, que é uma instituição voltada para atender às demandas de qualificação para os segmentos de comércio, serviços e turismo, o nosso portfólio contempla cursos para diversas atividades que terão impacto nos negócios em virtude da realização da Copa do Mundo: turismo e hospitalidade, saúde, segurança, beleza, idiomas, comércio, idiomas, etc. Especialmente com foco no Mundial de Futebol, no segundo semestre do ano passado, o Senac e a Fecomércio RN, por meio do seu Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC), realizou um estudo com o objetivo de conhecer a percepção da população natalense em relação ao Mundial de Futebol. A intenção era identificar oportunidades para o desenvolvimento de ações, a fim de contribuir com a preparação do estado para o evento. O estudo verificou que cerca de 75% dos entrevistados pretendiam investir em algum curso de capacitação até a Copa 2014. Entre o percentual que afirmou querer se qualificar, 88% disseram que buscariam capacitação em cursos técnicos-profissionalizantes ou de idiomas. Dominar as línguas estrangeiras, especialmente o inglês, foi o foco de 54,4% dos que apontaram querer se qualificar com foco na Copa. Com base nessas informações, a instituição montou um portfólio diferenciado dentro do Programa Nacional Senac em Campo, de modo que, ao longo de 2013, foram ofertadas mais de 4.300 vagas, em cerca de 40 cursos, para qualificação de mão de obra com foco na Copa de 2014. Além disso, de forma geral,

o Senac cresceu, até novembro, 16% na oferta global de vagas aqui no estado, passando de 36,2 mil profissionais qualificados, em 2012, para mais de 42 mil, em 2013. Avaliamos que essa expansão é resultado de uma série de fatores: Copa do Mundo, maior investimento do Governo Federal na educação profissional, bem como maior competitividade do mercado, que cada vez mais busca pessoas capacitadas para as vagas abertas Quantos alunos o Senac-RN capacitou ou qualificou este ano?

Entre janeiro e novembro, o Senac qualificou mais de 42 mil pessoas no Rio Grande do Norte, nos seus diversos segmentos de atuação. Desse total, 69,3% (29.205) foram beneficiados por meio dos programas de democratização do acesso ao ensino profissional com os quais a instituição opera: o Programa Senac de Gratuidade (PSG) e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Além disso, qualificamos profissionais em 53% dos municípios norterio-grandense, chegando a todas as regiões do estado.

Abraão da Silva, 8 anos, saiu da escola para casa pedalando

Everton, 9 anos, realizou um sonho: ter uma bola novinha

Campanha recebeu 12,5 mil ‘São Nicolau’ potiguar está cartas de cidades potiguares nos Correios há 42 anos Neste ano, segundo a coordenação da campanha “Papai Noel dos Correios”, foram cadastradas 12.500 cartas de crianças carentes de Natal, Região Metropolitana e cidades do interior, como Caicó, Assu, Macau, Nova Cruz, Parelhas, Pau dos Ferros, Santa Cruz e Severiano Melo. Destas, 6 mil já foram adotadas até agora por padrinhos, que são as pessoas que conseguem os presentes das crianças. Em 2012, foram atendidos 8.167 pedidos. “Esta é a segunda entrega, a primeira do ano foi em São Gonçalo do Amarante. Já chegamos a cerca de 6 mil presentes garantidos, mas este número muda a cada dia. Pretendemos fazer as entregas até o Natal”, explicou

Hallina Dantas, coordenadora, que ontem estava na Escola Estadual Jean Mermoz, no bairro de Bom Pastor. Só nessa segunda entrega de presentes foram contempladas 250 crianças, do 1º ao 5º ano – alunos entre 6 e 12 anos – do ensino fundamental. “Semana que vem temos entrega em mais três escolas”, adiantou. De acordo com o diretor do colégio, Francisco de Assis, foram nove turmas. “Neste ano, fomos escolhidos porque temos alunos muito carentes”, disse o diretor. Esse é exatamente o perfil do programa. Dar oportunidades a crianças cujas famílias não têm condições financeiras. A coordenação estima que em 2013, 65 colégios se cadastraram.

No RN, quem faz o papel de um dos personagens mais lembrados no final de ano, principalmente pela criançada, é o funcionário dos Correios, Paulo Soares, de 68 anos, que está a serviço da empresa há 42. Tinha 26 anos quando fez um teste na empresa e ficou. Passou por todas as funções dentro do setor postal. Hoje, trabalha no setor de Distribuição. No papel desde 2011, ele diz que viver por um mês o Papai Noel é sua maior satisfação. “Quero ver as crianças alegres e me visto assim para que elas vejam o Papai Noel com alegria. Se depender de mim, próximo ano estou aqui de novo. Essa é minha maior alegria”, disse Paulo. O homem que hoje leva alegria

às crianças já teve uma infância difícil. Por trás da roupa e gorro vermelhos, barba branca, cajado, e saco de presentes tem uma pessoa que até há pouco tempo não gostava do final de ano e, consequentemente, do natal. Paulo Soares diz que só aprendeu a gostar da data após ser convidado a fazer parte do programa dos Correios. Segundo ele, dos 8 aos 16 anos, viveu numa escola religiosa que também funcionava como orfanato, em Recife (PE). “O fim de ano era uma tristeza porque todos iam para casa ficar com suas famílias e eu ficava. Era a pior data de todas. Só mudei de ideia há três anos, quando me convidaram para participar da campanha e vi a felicidade das crianças”, relembrou.

Quando estará concluído o novo Hotel Escola Senac Barreira Roxa? E qual o investimento?

A previsão é que o Hotel Escola Barreira Roxa esteja concluído no primeiro semestre de 2015. Estão sendo investidos mais de R$ 21 milhões na obra de reforma e ampliação da área do Hotel-Escola, além da construção de uma Escola de Hotelaria e Turismo. No total, o espaço compreenderá mais de dez mil metros quadrados de área construída e a Escola de Hotelaria e Turismo será a maior do Nordeste, com capacidade para formar seis mil pessoas anualmente, duplicando a capacidade atual.

OS DOMINGOS tn família NATODOS TRIBUNA DO NORTE


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

natal

Pescadores de Ponta Negra cobram mudança no projeto « ENROCAMENTO » Obras vão avançar para uma área tradicionalmente

utilizada para atracar jangadas de pesca, próximo ao Morro do Careca JÚNIOR SANTOS

N

a Praia de Ponta Negra, um problema tem gerado dor de cabeça para a colônia de pescadores. É que um conjunto de pedras com a finalidade de proteger a estrutura do calçadão contra o avanço do mar, o enrocamento, vai avançar para uma área que tradicionalmente era utilizada para o atracamento das jangadas de pesca, próximo ao Morro do Careca. A medida está dentro de um projeto de urbanização da praia que vem sendo implantado pela Prefeitura do Natal. O pescador Armando Santos, questiona a iniciativa: “Para o turismo, é ótimo, mas para nós? A pesca aqui é tradição cultural e histórica, existe desde o tempo do meu bisavô e merece ser respeitada” - contesta. Uma área de 20 metros ao final do enrocamento é utilizadaparaatracarasjangadasem funcionamento,38,numtotalde45. Cada uma vai ao mar todos os dias, com até três pescadores, menos quando a maré está muito revolta. Armando afirma que os pescadores saem ao mar por uma questão de sobrevivência e que não existe lucro na atividade. Ele afirma que as jangadas costumavam ficar distribuídas em duas áreas de 20 metros, mas como um dos locais já foi cedido para as obras do enrocamento, elas hoje são atracadas em uma única área, ficando “espremidas” uma sobre as outras. O pescador aponta outro

Jangadas ficavam atracadas em duas áreas de 20 metros. Hoje, já estão em uma única área

Números Situação da pesca na praia de Ponta Negra >Área: 20 metros >Peixes pescados: cioba, oriocó, dentão, guaiúba, serra, cavala (dependendo da época do ano) >Nº de jangadas: 45 – com 2 ou 3 pescadores, cada >Nº de famílias afetadas: de 40 a 50

problema: “Estas pedras amontoadas próximas ao lugar onde ficam as jangadas prejudicam

nossa saída para o mar e atrapalham os banhistas. Alguns até se machucam quando a maré enche e cobre parte das pedras”- avisa. O pescador conta que as jangadas não podem ficar ancoradas no mar porque são feitas de compensado naval, sendo ocas e não têm bóias. Além disso, uma bactéria marinha costuma atacar e destruir a madeira em 15 dias. Como o diálogo com a Prefeitura não resultava em um consenso, os pescadores procuraram o Ministério Público. De acordo com a promotora Gilka da Mata, “O Ministério Público já realizou duas audiências com os pescadores e com representantes da

Prefeitura e um acompanhamento com a filmagem e registro da atividade de pesca no local”. A Prefeitura propôs a instalação de uma rampa para as jangadas na parte alta da areia, mas os pescadores desconfiam que a rampa não seja adequada e reclamam de ter que empurrar para cima uma embarcação que chega a pesar até 950 quilos. Para descer a rampa seria outro problema, já que as jangadas que nela couberem, ficariam alinhadas uma em frente à outra. No próximo dia 21, o Ministério Público irá acompanhar o teste com a instalação da rampa, às 09 horas, na Praia de Ponta Negra.

13

« TRANSPORTE ALTERNATIVO »

Permissionários desistem de sair às ruas em protesto Cerca de 100 pessoas se reuniram no Sinpol e criticaram as últimas recomendações do MP

M

esmo tendo anunciado que faria um Ato Público, o Sindicato dos Permissionários de Transporte Opcional de Passageiros (Sitoparn) desistiu de sair às ruas na tarde de ontem e optou por realizar uma mobilização no auditório da sede do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol-RN). Cerca de 100 pessoas, entre permissionários e representantes de entidades populares, sindicais, partidos políticos e vereadores que criticaram o Ministério Público Estadual, acusando o órgão de criminalizar os movimentos sociais. A reunião ocorreu uma semana após protesto dos permissionários do sindicato que parou Natal por quatro horas e meia, bloqueando os cruzamentos da avenida Bernardo Vieira com Salgado Filho, Prudente de Mo-

rais e Romualdo Galvão, em Lagoa Nova. O MPE reagiu à ação e recomendou a definição de convênio entre órgãos de segurança pública, além de expedir recomendação para a adoção de medidas regularizando eventos em que ocorra a obstrução de vias públicas com veículos ou outros instrumentos, em manifestações sem prévia comunicação às autoridades e que causem dano à coletividade e ao fluxo de pessoas e veículos. O presidente do Sitoparn, Nivaldo Andrade, negou que a categoria sairia às ruas na tarde de ontem. “A mobilização foi criada para reunirmos companheiros que passaram por situações semelhantes, mas a informação que iremos para as ruas é só boato”, disse Nivaldo. Ele afirmou ainda estranhar que o MPE atue com tanta força contra as manifestações ao invés de cobrar a efetivação da lei de bilhetagem unificada, aprovada há 77 dias. Ontem, a Polícia Militar se preparou para evitar transtornos nas ruas. EMANUEL AMARAL

Donos de vans receberam apoio de líderes do movimento social


14

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

natal “Assim como no Campeonato Brasileiro, na Justiça nem sempre quem cai, cai mesmo”

« ELIANA LIMA »

Do mossoroense Jules Queiroz, procurador da Fazenda Nacional, no Twitter

elianalima@tribunadonorte.com.br FECOMERCIO

FECOMERCIO

Banho

Foto 1 – OS...

O pomposo Arena das Dunas corre o risco de ficar conhecido mundialmente por Lagoa das Dunas. Tudo porque o estádio foi construído no lugar onde ficava a antiga lagoa do Centro Administrativo. Para que na época de chuvas as águas não voltem a se acumular no local, um túnel de drenagem está sendo construído para resolver o problema de enchentes, que atingirá 32 pontos da cidade.

As tribunérrimas Renata Moura e Andrielle Mendes recebem o Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo, na categoria Jornalismo Impresso, com os parabéns do presidente Marcelo Queiroz e do jornalistaimortal Paulo Macedo

1

Foto 2 ...PREMIADOS

2

Todavia CLÁUDIO ABDON

O problema é que a construtora Queiroz Galvão ainda não conseguiu começar a trabalhar dentro do Centro Administrativo. Motivo: o governo estadual ainda não autorizou o serviço no local.

MÁRLIO FORTE

Foto 3 – BOM...

O tempo urge Diante da correria contra os ponteiros, o prefeito Carlos Eduardo falou sobre o assunto diretamente com a governadora Rosalba. E já ligou duas vezes para a secretária Kátia Pinto (Infraestrutura), durante reunião que faz com os envolvidos nas obras da Prefeitura, mas necas da autorização sair.

Pois bem Como a coluna informou ontem, o Arena das Dunas Concessão e Eventos publicou o edital de aviso da requisição de licença de funcionamento junto à Secretaria de Meio Ambiente (Semurb). Mas, contudo, todavia, o órgão não poderá conceder a licença sem o túnel, que é uma das condicionantes para a licença de funcionamento previsto na licença de instalação.

Comedida No almoço com jornalistas e blogueiros, ontem, no R&M Gastronomia, a ex-governadora Wilma de Faria discorreu sobre “agradecimento”, “gesto de união com Carlos Eduardo (prefeito)” - incompreendida, ao aceitar ser a vice -, que era um “erro político”, mas que agora “Natal e o Rio Grande do Norte entendem”. E foi à sua marca registrada: crescimento na adversidade: “Na adversidade, a capacidade de superação fica mais forte”.

3 Mais enfática Quem esperava um discurso mais incisivo contra a governadora Rosalba, foi sutil. “Nós fazemos oposição democrática, responsável, como a voz do povo que quer fazer o seu reclame”. Continuou: “O atual governo está em cheque, em debate com a população, que está sofrendo”. Lembrou que a decisão do TRE, do afastamento de Rosalba, cabe recurso e que os advogados já tentam reverter em Brasília (TSE). E ontem à noite, logo após a publicação do acórdão, saiu a liminar da ministra Laurita Vaz (STE) matendo a Rosa no poder.

Então Sobre eleições de 2014? A mesma história: “É o partido (PSB) que toma a decisão. Tem que ser coletiva com o povo”. E como ficarão PT e PSB no RN? Em tom meio que indefinido, disse que, a exemplo de outros anos, o cenário local é diferente do nacional. Eduardo Campos será mesmo candidato a presidente? A maioria queria para 2018, mas ele está decidido que o momento é este. Quem sabe Marina Silva a vice.

Bom Do cenário atual, ainda co-

Ah! E fez questão de lembrar: “A Copa foi um legado que nós deixamos. Recebemos pela Arena das Dunas dois prêmios como o estádio mais bonito”. Que deixou tudo acertado para ser erguido.

Pequenos e bons E foi enfática: “Hoje, a imprensa do Rio Grande do Norte não está apenas nas mãos de grandes grupos”. Como exemplos, citou a TV União, a SimTV, emissoras de rádio e blogs. O que os jornalistas viram foi uma Wilma tranquila e comedida.

Maaasss... Conversa olho no olho com Wilma, é perceptível que a viceprefeita de Natal aguarda o cavalo passar selado para galopar de

volta à cadeira de governador. Diz que por onde passa ouve pedidos para que se candidate, não apenas a voz do “povo”, mas também de empresários, políticos, etc e mais.

Sinais... E hoje é sexta-feira 13. Acabou-se a expectativa do PT de Rosalba ser afastada.

Cara nova Servidora do TRE, formada em Ciências Contábeis e em Direito, Yvette Bezerra Guerreiro Maia é a nova Secretária Geral do Tribunal de Justiça do RN. Substitui o advogado Wlademir Capistrano.

Letras charmosas No charmoso Nalva Melo Café Salão, a jornalista Sheyla Azevedo autografa amanhã, 19h, a segunda edição do livro ensaio biográfico sobre Newton Navarro: “Navarro: um anjo feito sereno”, pela Editora da UFRN. Noite que acontece em plena Virada Cultural da Ribeira.

Leque Sucesso de vendas registrado

« ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL » Prefeitura do Natal desembolsa perto de

R$ 25 milhões para quitar o décimo-terceiro deste ano de 21.497 servidores

A

acordo com o calendário divulgado no inicio do ano. O pagamento representa uma injeção de R$ 25 milhões na economia natalense. O pagamento da segunda parcela do 13º salário estava inicialmente previsto para o dia 20 de dezembro, mas graças a um esforço enorme da administração, foi possível a

No R&M, a exgovernadora Wilma de Faria recebe Alex Medeiros, Flávio Azevedo, Ricardo Rosado, Carlos Barbosa

4 mentou que o “Estado está parado, o homem do campo sofrendo, empresas indo embora”, que Rosalba só fez até agora o que o governo do PSB deixou, por meio de convênios com recursos garantidos. Sobre as críticas que a democrata faz sobre herança (ruim), repetiu: “Fala em herança, mas a herança que deixamos foram as obras que o governo continuou”.

Décimo: 2ª parcela sai hoje Prefeitura do Natal paga nesta sexta-feira (13), a segunda parcela do 13º salário, que corresponde a 60%, a todos os 21.497 servidores da administração municipal, incluindo ativos, aposentados e pensionistas. Os salários do funcionalismo municipal do mês de dezembro serão pagos nos dias 26, 27 e 30, de

O jornalista Diógenes Dantas entrega o prêmio a Ednaldo Martins, da Universitária FM (UFRN), na categoria Radiojornalismo

antecipação para o dia 13, explicou o prefeito Carlos Eduardo. Ele acrescentou que esse é uma demonstração do compromisso que sua gestão tem de colocar a dignidade e o respeito aos servidores em primeiro lugar. “No nosso governo salário do trabalhar é sagrado”, afirmou. O prefeito lembrou que em

dezembro do ano passado os servidores municipais viviam um clima de incerteza e não sabiam de que receberiam o salário do mês e o 13º salário, lembrou. Carlos Eduardo destacou, ainda, que a injeção de dos R$ 25 milhões na economia da cidade é muito importante, vez que movimenta a cadeia produtiva local.

Foto 4 - ...PALADAR pela Caio Fernandes, o Casagrande Sweet Homes, em nova Parnamirim, terá assembleia de instalação de condomínio na próxima segunda-feira. Sociedade das empresas paulistas B2S Properties, Consfor e Augusto Coelho, o empreendimento é inspirado nas grandes mansões americanas com prédios em forma de casarões. O salão de festa é inspirado nos bares americanos. Área de lazer tipo clube.

Enfim! A Secretaria de Educação entrega hoje, 8h, na Escola de Governo, as medalhas dos campeões do Jerns 2013. E dia 15, os campeões terão como mais prêmio visitar o Arena das Dunas.

Bola Por falar em estádio, oportunidade para a criançada fã da bola de Natal: estão abertas as inscrições para a primeira edição do Go Cup, mundial infantil de futebol 7, que acontece entre os dias 12 e 19 de abril, em Goiânia (GO). Podem se inscrever crianças de 8 a 12 anos, pelo site http://www.gocup. com.br.

Filha da anfitriã, a deputada Márcia Maia recebe a colega Larissa Rosado e o analista político Robson Carvalho

« COLMEIA » à Grito de felicidade para Dora

Cortez, Maria Emília Bulhões, Clarissa Siqueira, Daniel Pessoa, médico Flávio Bezerra, Gabriel Aguiar. à No palco do Jobim Bar, Diana

Rafaelly solta a voz, acompanhada do violão de Daniel Sá, ao som de Bossa e MPB. E amanhã tem Carlinhos Moreno e Juliana Menezes (violão e voz) apresentando sucessos de Vinícius, Tom Jobim, Carlinhos Lyra e Roberto Menescal. E hoje, a reitora Ângela Paiva Cruz e a vice Maria de Fátima Ximenes, da UFRN, recebem em Ato Ecumênico de Confraternização Natalina da Reitoria, às 9h, no Auditório Otto de Brito Guerra, Reitoria–Campus Central.

à

« EDUCAÇÃO » Encerra hoje prazo de matrículas no Cenep As solicitações de matrículas para os estudantes interessados em ingressar no Centro Estadual de Educação Profissional Senador Jessé Pinto Freire (Cenep), em Natal, vão até esta sexta-feira (13). Até o meio-dia, os interessados devem acessar o www.sigeduc.rn.gov.br, solicitar a matrícula, e entregar pessoalmente, neste mesmo dia, a declaração ou boletim com as notas dos três primeiros bimestres do ano letivo de 2013, na secretaria da instituição. O prazo dessa entrega vai até às 18h desta sexta. Para os estudantes que já estão matriculados no Cenep, a renovação da matrícula é feita de forma automática. O resultado da seleção para o Cenep será divulgado no dia 17 de dezembro. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3232-2824. O Cenep está localizado em frente à Praça Cívica de Petrópolis, no centro de Natal.


NO RÁDIO

NO FACEBOOK

HOJE NA TV

11h - Globo Esportivo 17h - Globo Esportivo 21h - Panorama Esportivo

Confira a charge de Emanoel Amaral, na coluna Apito Final, relacionada ao esporte.

17h15 - Mundial Feminino de Handebol: Dinamarca x Brasil; Esporte Interativo.

www.radioglobonatal.com.br

facebook.com/tribunarn

FALTA DE CENTROS PARA TREINAMENTOS TIRA SELEÇÕES DE NATAL. Página 16

TN ONLINE

Acompanhe tudo sobre o julgamento de hoje do Vasco e do Atlético/PR. www.tribunadonorte.com.br

esportes

15

Editor: Itamar Ciríaco itamar@tribunadonorte.com.br• Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013

STJD mantém a queda do Vasco e julga hoje a briga

Apito Final EVERALDO LOPES e_lopes@tribunadonorte.com.br

Briga de cachorro grande Volto a citar a batida frase costumeiramente repetida pelo irrequieto Lauro Neto (aonde andas?), principalmente quando se referia ao clássico ABC x América. Puxo este assunto porque acabo de ler uma entrevista com o eterno presidente do Atlético Mineiro - o turco Alexandre Kalil, ao eternizar a família Kalil perante o torcedor atleticano. O clássico ABC x América é menino besta diante do clima quente quando se chocam a “raposa” cruzeirense e o “galo” atleticano. Da mesma forma como Judas Tadeu defendia o seu ABC, Kalil sabe ironizar a animação dos cruzeirenses ao ganharem o tricampeonato brasileiro. Irônico como também sabe ser o Judas potiguar, Kalil vira a cara e ironiza: “isso não é festa, é raiva... Nossa festa pela conquista da Libertadores parou a cidade por uma semana.” Kalil vai mais longe e diz que o título da Libertadores fez mal a ele, porque depois que ganhou, esqueceu que o Cruzeiro existe.” Conclui com uma frase cheia de humor: “O campeão das Américas saúda o campeão nacional: o Cruzeiro...

Vergonha nacional

Vergonha (2)

Aopiniãoégeneralizada:abriga entre baderneiros do Vasco e do Atlético/PR, que o mundo inteiro viu e reviu, certamente foi a quemaisdeixouestupefactosostelespectadores.Estacolunaselecionou algumas das frases que retrataram a selvageria daqueles falsos torcedores.Eis:“Nãopossochamálosdeanimais.Animaisnãoseagridem gratuitamente, sem motivos, masparaaliviaroestômago,lutam defendendo seu território”, “não sãosomentebárbaros,designação que cabe a alguns povos invasores de territórios.

Não são torcedores. Os “animais” que foram ao jogo, transformaram-se em assassinos, idiotas, covardes, aplicam o golpe e correm com medo. Está na hora de acabar com essa horda de imbecis, canalhas que se escondem por trás das bandeiras do clube à sombra da morte...” São covardes porque só agem em grupos porque sozinhos se sentem impotentes, vazios, tolos, covardes, traiçoeiros porque podem tirar a vida do ser humano sem um propósito qualquer.” (Nilson Ribeiro, do portal <uol.com.br>

Último dos moicanos Um dos maiores faroestes de todos os tempos – “Último dos moicanos”, estrelado por Gary Cooper, é lembrado por Emilson Tavares no seu blog, para registrar o volante Edson, feito nas categorias de base do ABC, eleito uma das revelações da temporada. Segundo o E.T. Edson teve o contrato rescindido, citado como um atleta com todos os atributos para a posição. Tem 1,83m, 22 anos natural de Touros/RN, é jogador cujo passe pertence a um empresário.

« SÉRIE A » Clube queria pontos do jogo e pedido foi negado. Agora os

cariocas devem ser punidos com perda de mandos de campo e multa DIVULGAÇÃO

O

Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) negou ontem o recurso do Vasco pedindo a impugnação da partida contra o Atlético-PR, disputada no último domingo. Desta forma, não haverá julgamento sobre o caso e a vitória por 5 a 1 do Furacão será mantida, confirmando o rebaixamento da equipe carioca, que ainda pode solicitar reconsideração, à Série B do Campeonato Brasileiro. O Vasco deu entrada com a ação ontem, tentando obter os três pontos da partida. O CruzMaltino se baseia no artigo 19 do regulamento geral de competições da CBF, que prevê que um jogo pode ser interrompido por até 60 minutos. Devido aos incidentes entre torcedores das duas equipes na Arena Joinville, o duelo ficou paralisado por 71 minutos. Além disso, o time carioca reforçou a responsabilidade do Atlético-PR na realização da partida sem policiamento e do árbitro Ricardo Marques Ribeiro, por considerar que este descumpriu o regulamento da entidade máxima do futebol brasileiro. Caso o recurso fosse aceito, o Vasco poderia obter os três pontos do duelo, o que livraria o time do rebaixamento e culminaria na degola do Criciúma. Caso o presidente do STJD, Flávio Zveiter, decida reconsiderar o pedido e julgar o caso, ele será rea-

Auditor é excluído do caso da Lusa

STJD definiu a queda do Vasco e passa a julgar atos de violência

lizado pelo Pleno, sem passar por algumas das comissões disciplinares do Supremo. Às 12h (horário do RN) de hoje, Atlético-PR e Vasco serão julgados por outro processo relativo à partida da última rodada do Campeonato Brasileiro. Ambos os clubes foram denunciados pela Procuradoria pelo conflito entre suas torcidas, e correm o risco de perderem mandos de campo e receberem punição em dinheiro. Além deles, foram denunciadas as federações de futebol do Paraná e de Santa Catarina e o árbitro Ricardo Marques Ribeiro. Representantes do Ministério do Esporte se reuniram com os do Público, da Justiça e da CBF ontem, em Brasília, para discutir so-

bre melhores condições aos torcedores nos estádios de futebol. Nove encaminhamentos foram feitos durante o encontro na capital brasileira, dentre eles: a criação de guias de comportamento nos estádios para torcedores e seguranças; delegacias do torcedor em todos os estados; juizado especial do torcedor nos estádios; e nacionalização dos cadastros dos torcedores. Esta última requisição prevê, por exemplo, que todo torcedor banido não poderá frequentar qualquer arquibancada do País. Os debates também centraram a necessidade dos clubes assumirem maiores responsabilidades em caso de confusões, como a que ocorreu no último final de semana.

Humor e música Ainda do blog do E.T., ao postar foto curiosa de Somália – com cara de choro (não dá pra adivinhar se ele chorava, de fato, ou brincava com algum colega de equipe) e logo abaixo a letra do belíssimo samba “Volta por cima”, de Paulo Vanzolini magistralmente interpretado por “Noite Ilustrada”: ”Chorei, não procurei esconder/todos viram, fingiram/pena de mim, não precisava/ali onde eu chorei/qualquer um chorava/dar a volta por cima que eu dei/quero ver quem dava...”

Na Espanha, Daniel Alves inicia a segunda fase de recuperação

Futebol & política

L

Com a eleição, por aclamação, do deputado estadual Gustavo de Carvalho para um novo mandato à frente do América FC – posto que ocupa pela segunda vez, o clube rubro tem seu terceiro presidente, e também o terceiro parlamentar a presidir o clube. O primeiro, foi José de Vasconcelos Rocha, nos

anos setenta, recentemente, Hermano Moraes assumiu a cadeira da presidência, numa emergência, devido a renúncia de Clóvis Emídio. O América FC chegou a eleger o empresário Flávio Rocha deputado federal, mas Flávio só suportou apenas um mandato, desistindo muito cedo da política partidária.

Futebol (2) No ABC, sempre houve político passando pela presidência. O primeiro, foi o engenheiro João Galvão de Medeiros, eleito deputado federal pela torcida abecedista em 1953, Roberto Varela, deputado estadual, presidente em 63/64, seguido anos depois pelo deputado federal Aluízio Bezerra em 1973, Ruy Barbosa, deputado estadual em 1983, e Leonardo Arruda em 1995. Agora, as prisões Acabo de ler no “Diário Catarinense”, que três participantes da briga de torcidas no jogo Atlético x Vasco estão presos, enquadrados por tentativa de homicídio, associação ao crime e incitação da violência, crimes previstos no Estatuto do torcedor. O flagrante foi lavrado pelo delegado Douglas Cincle. O auto de prisão ocorreu, após o torcedor ter sido descoberto dentro do banheiro de um ônibus, de volta ao Rio.

«

CARTÃO AMARELO

»

« BARCELONA » Lateral da Seleção Brasileira sofreu uma lesão no músculo da perna que resultou em rupt ura na panturrilha direita ondres (AE) - O lateral-direito Daniel Alves, do Barcelona, iniciou ontem uma nova fase de sua recuperação de uma lesão muscular sofrida em 21 de novembro. O brasileiro passou a realizar trabalhos em campo, ainda separado do resto do elenco do time catalão, depois de ter sofrido uma ruptura fibrilar na panturrilha da perna direita. O jogador começou a reclamar de dores no local lesionado durante um treino da seleção brasileira e em seguida acabou sendo cortado dos amistosos que a equipe nacional fez contra Honduras, em Miami, e Chile, em Toronto. Inicialmente, o departamento médico do Barcelona previa um período e afastamento que

duraria no máximo 10 dias, mas apenas agora Daniel Alves foi liberado para voltar a trabalhar no gramado. Ele participou nesta quinta de uma atividade de recuperação dos atletas que participaram da goleada por 6 a 1 sobre o Celtic, no Camp Nou, na última quarta, pela rodada final da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa. Outra novidade do treinamento desta quinta no Barcelona foi a presença do meia holandês Ibrahim Afellay, que também correu no gramado ao lado de Daniel Alves, depois de ter sido submetido a uma cirurgia, em agosto passado, para tratar uma lesão muscular crônica na coxa direita. Depois de ter goleado o Cel-

tic na Liga dos Campeões, o Barcelona voltará a jogar neste sábado contra o Villarreal, novamente em casa, pelo Campeonato Espanhol. A polícia de Praga anunciou a prisão de 15 torcedores russos, do CSKA Moscou, por agressões a policiais e por fazer propaganda nazista na manhã desta quinta, quase 48 horas depois da derrota do time para o Viktoria Plzen por 2 a 1, na República Checa, pela Liga dos Campeões. Sem dar detalhes sobre as manifestações nazistas, a polícia checa disse apenas que os torcedores provocaram as autoridades com uma saudação nazista. Outros atacaram os policiais, deixando dois feridos.

Clube exalta o planejamento « BOTAFOGO » Com vaga na Libertadores, lateral Júlio César afirma que os objetivos dos cariocas foram atingidos na atual temporada

R

io, 12 (AE) - Como a Ponte Preta não conseguiu conquistar o título da Copa Sul-Americana - o Lanús foi o campeão na última quarta-feira -, o Botafogo teve confirmada a sua vaga na próxima edição da Copa Libertadores, por ter sido o quarto colocado do Campeonato Brasileiro. Para o lateral-esquerdo Julio Cesar, a classificação para a competição continental em 2014 é a prova de que o planejamento botafoguense foi

bem feito na temporada. “Vencer os dois turnos do Campeonato Carioca foi uma mostra de que estávamos no caminho certo e que poderíamos conquistar mais. Buscamos o título brasileiro, que infelizmente não foi alcançado Mas disputar novamente a Libertadores era desejo do clube e dos torcedores há muito tempo. A concretização da vaga só nos trouxe mais certeza de que tudo planejado estava certo”, avaliou Julio Cesar.

Agora, porém, o Botafogo tem um desafio ainda maior no ano que vem, já que disputará a Libertadores. “À medida que você conquista algo, é normal crescerem os olhares e a pressão pelos resultados. Mas vejo um grupo unido, capaz de superar obstáculos e manter a estabilidade. Com o apoio da torcida, que nos incentivou, tenho certeza que vamos voltar a conquistar títulos em 2014”, disse o lateral de 31 anos.

A escalação de um jogador irregular pode colocar a Portuguesa na segunda divisão, caso que será julgado na próxima segunda-feira pelo STJD e que acaba de ganhar mais uma polêmica: Washington Rodrigues de Oliveira, um dos julgadores, foi excluído da sessão por antecipar seu voto no ‘Facebook’. O auditor da 1ª Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) foi desconvocado por publicar em sua página pessoal que a Lusa deveria ser punida. Aliás, a reportagem apurou que a nova polêmica gerou um clima de malestar dentro da própria entidade nacional. A decisão foi tomada por Paulo Valed Perry, presidente da 1ª comissão e referendada pelo Pleno do STJD. Dessa maneira, seguem confirmados para a sessão em primeira instância o próprio Paulo Valed Perry e outros quatro auditores. O artigo 18 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva) deixa claro que um auditor fica impendido de participar do julgamento “quando se houver manifestado, previamente, sobre o fato concreto”.

« MUNDIAL » Galo ansioso para a estreia O Atlético-MG está concentrado em Marrocos para a disputa do Mundial de Clubes da FIFA e estreia na competição no dia 18 de dezembro. O adversário será definido hoje às 16h30 (do RN), no duelo entre Raja Casablanca, do Marrocos, e Monterrey, do México, em Agadir. O lateral direito Marcos Rocha revelou estar ansioso para conquistar o tão sonhado título e voltar ao Brasil com a taça nas mãos. “Não aguento mais ficar só no quarto, dormindo. Quero que chegue logo a hora do jogo. Mas entendo que temos que guardar energias para conseguir esse feito histórico.

« HANDEBOL » Brasil luta pela primeira posição Depois de um dia de folga no calendário do Mundial da Sérvia, a seleção brasileira feminina de handebol volta a jogar hoje diante da Dinamarca, pela última rodada do Grupo B. Ainda invicto, o Brasil está em busca agora da confirmação da primeira colocação da chave, o que lhe daria a vantagem de encarar um adversário teoricamente mais fraco nas oitavas de final. Com quatro vitórias até agora - sobre Argélia, China, Sérvia e Japão -, o Brasil já conseguiu a vaga antecipada nas oitavas de final do Mundial e lidera o Grupo B com oito pontos.


16

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

esportes

Sem estrutura, Natal perde a Itália « COPA 2014 » Sem um Centro de Treinamento, a cidade não consegue receber as delegações que vão disputar

o Mundial durante o período de preparação para disputa do torneio. Os italianos escolheram ficar em Santos FÁCIL COMUNICAÇÃO

N

atal não servirá como CT de treinamentos para as delegações que virão para Copa do Mundo por falta de locais adequados para as equipes trabalharem. Os dois únicos centros compatíveis para receber as seleções: Frasqueirão e o Campo da UFRN, já irão servir como Centro Oficiais de Treinamento para realização de trabalho das equipes antes de cada partida do Mundial que será realizada em Natal. A delegação italiana cujo representante saiu da capital potiguar realizando grandes elogios, escolheu um resort na cidade de Santos para realizar seu período de preparação para Copa. Mas após o jogo contra a Costa Rica, no dia 20 de junho, os italianos seguirão para Natal com alguns dias de antecedência para realizar os preparativos para o confronto diante do Uruguai, na Arena das Dunas. “Eles gostaram das dependências do ABC e comentaram que não pretendem estender a participação no Recife. Após o jogo delegação seguirá direto para Natal. O dirigente disse que será melhor passar mais tempo em Natal se preparando para o jogo contra o Uruguai, que vai fechar o grupo”, disse Wilson Cardoso, dirigente do ABC. O gerente de Operação do Comitê Organizador Local (COL), Ricardo Trade, disse que realmente as delegações europeias estão realizando muito elogios ao que viram em Natal, destacando a questão de beleza arquitetônica da Arena das Dunas e, principalmente, o curto trajeto entre os hotéis, o aeroporto e o estádio. “Não tenho dúvida que Natal será uma excelente sede da Copa do Mundo. A cidade já levou sorte no momento do sorteio e vai trazer grandes seleções. Equipes como México e

Em coletiva realizada ontem na cidade, o gerente do COL confirmou que as seleções gostam da cidade, mas falta centro de treinamento

Natal irá receber um dos cinco centros de hospitalidade no país durante a Copa do Mundo” RICARDO TRADE Gerente do COL

Estados Unidos costumam trazer um número muito grande de torcedores para os centros onde jogam e, por isso mesmo, Natal irá receber um dos cinco centros de hospitalidade no país durante a Copa”, afirmou o dirigente do COL. Os centro são áreas de recepção totalmente financiados pe-

la Fifa, o consórcio Arena das Dunas vai ter o trabalho apenas de achar um bom espaço para montagem dos mesmos.

Suíça, Alemanha e Croácia ficam na Bahia

Inauguração

A seleção da Suíça definiu ontem que a cidade de Porto Seguro servirá como a sua base na Copa do Mundo do ano que vem, que será realizada no Brasil. Com isso, se tornou a segunda equipe europeia a definir a Bahia como sede durante o Mundial, depois que a Croácia optou pela Praia do Forte, no município de Mata de São João, a cerca de 50 quilômetros da capital do estado, Salvador. A Alemanha também deverá ficar no estado, na cidade de Santa Cruz Cabrália A delegação suíça já havia dado indícios de que tinha gostado das instalações de Porto Seguro depois de visitá-las, mas somente nesta quinta oficializou a esco-

A data do dia 12 de janeiro, segundo o presidente do consórcio Arena das Dunas, não está definida ainda como o dia da inauguração do novo estádio natalense. Charles Maia responsável pelo consórcio ressaltou que falta amarrar o agendamento com várias autoridades. “Nós estamos trabalhando essa data. Mas como deveremos contar com a presença de algumas autoridades teremos de amarrar essa agenda. Nós estamos em negociação e se não for no dia 12, só posso adiantar que essa inauguração ocorrerá mesmo em janeiro do próximo ano”, justificou Maia.

lha. Os jogadores ficarão no Latorre Resort, um complexo cinco estrelas a 15 minutos de ônibus do campo onde treinarão. Os dirigentes do país optaram inicialmente pelas instalações do Guarujá, em São Paulo, mas decidiram voltar atrás após o sorteio das chaves do Mundial, realizado na última sexta. A Suíça caiu no Grupo E, ao lado de Equador, França e Honduras, e atuará nas cidades de Brasília, Salvador e Manaus nesta primeira fase. No Nordeste ainda existem opções em Pernambuco, na Paraíba e no Ceará, que podem servir de opções para abrigar alguma das seleções que disputarão o mundial do próximo ano.

América contrata dois do São Paulo « FUTEBOL POTIGUAR » O volante Denner e o atacante Rafinha acertaram com o alvirrubro

para a temporada de 2014. A apresentação oficial do clube está marcada para o dia 27

O

presidente eleito do América, Gustavo Carvalho, ainda não assumiu a cadeira presidencial, mas, já trabalha na montagem do elenco alvirrubro que vai disputar a Copa do Nordeste no início de 2014. O clube potiguar acertou com dois jogadores das categorias de base do São Paulo: o volante Denner e o atacante Rafinha, de 23 anos. Eles se juntam ao volante Tiago Dutra, que veio do Criciúma para reforçar o América na temporada 2014. Outros nomes devem ser anunciados pela

direção do clube na próxima semana, já que a apresentação oficial do elenco está marcada para o dia 27 desse mês. Na eleição presidencial, ficou decidido, também, que o presidente do Conselho Deliberativo do clube, vai continuar sendo José Rocha. Ele elogiou a escolha de Gustavo Carvalho para presidir o clube pelos próximos dois anos. “É um grande americano e chega num momento muito bom. Terá todo apoio do mundo de todos nós que fazemos o América. Gustavo foi presiden-

te e chega mais maduro. O novo presidente escolheu bem a sua diretoria e vou estar presente como presidente do Conselho Deliberativo do clube na sua gestão para ajudá-lo no que for possível”, afirmou, para, em seguida, dar uma boa notícia para os torcedores americanos. “Nos próximos dias estaremos plantando a grama do nosso estádio. E, acredito que no mais tardar em junho estaremos com a parte de jogo já completamente pronta”, finalizou Rocha.

LUIZ PIRES/VIPCOMM

do para ter início no dia 9 de janeiro, quando o ABC vai enfrentar o Palmeira no Frasqueirão. Quem segue negociando sua renovação com o clube é o atacante Rodrigo Silva. Artilheiro do time na última temporada, com 30 gols marcados, o jogador está de férias em Santa Catarina, ainda não decidiu se permanece em Natal para 2014. “Estamos conversando, mas é um jogador muito caro, que tem interesse de outros clubes e vamos ver. Estamos nos reunindo direto, para finalizar esses

acertos”, afirmou Ferdinando Teixeira. Depois da boa temporada no ABC, Rodrigo Silva despertou interesse do Sport, Bahia, América/MG, Atlético/GO e clubes do interior de São Paulo. Mas, pesa a favor da equipe potiguar, o fato do seu empresário ser o mesmo do volante Somália, que renovou, recentemente, seu vínculo com o time potiguar. Quem não permanece é o volante Edson, que pediu desligamento do clube e deve defender o São Bernardo, no campeonato paulista.

Os Estados Unidos, que estreiam na Copa diante dos ganeses, no dia 16 de junho, na Arena das Dunas, em Natal renovaram o contrato do treinador alemão Jurgen Klinsmann por mais quatro anos, até a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Ele está no cargo desde julho de 2011 e, a partir de agora, passa a acumular também a função de diretor técnico da Federação NorteAmericana de Futebol. Ex-jogador de grande sucesso - chegou a ser campeão mundial com a Alemanha em 1990 , Klinsmann encerrou a carreira nos gramados em 1998. Como treinador, seu primeiro trabalho foi justamente na seleção alemã, na qual ficou entre 2004 e 2006. Após o terceiro lugar na Copa do Mundo disputada em casa, ele deixou o cargo para o auxiliar Joachim Löw. Klinsmann chegou a ser técnico do Bayern de Munique na temporada 2008/2009 e está na seleção dos Estados Unidos desde 2011. Nesse período de dois anos e meio no cargo, ele levou os norte-americanos ao título da Copa Ouro, realizada em julho, e também conseguiu uma classificação tranquila nas Eliminatórias para disputar a Copa de 2014 no Brasil. “Tenho sorte de poder continuar o trabalho que nós começamos há dois anos e meio. Estou muito feliz com o progresso que nós tivemos”, disse o alemão de 49 anos, que tem 27 vitórias, 10 empates e sete derrotas no comando dos Estados Unidos. Ele também comentou sobre sua nova função. “O papel de diretor técnico é um grande desafio, mas também uma grande oportunidade”.

« POTIGUAR » Fabinho Cambalhota espera grande ano O atacante Fabinho Cambalhota, contratado pelo Potiguar declarou que o seu foco está totalmente voltado para o Potiguar. Fabinho declarou que espera realizar uma grande Copa do Nordeste pelo Alvirrubro e garantiu batalhar para marcar gols, muitos gols na competição. “Meu foco é aqui no Potiguar, meus objetivos estão aqui. Eu vim com o propósito de levar o Potiguar a conquistar títulos, é uma equipe que tem a gana de conquistar títulos, conquistou o bi estadual e que vai disputar importantes competições como a Copa do Nordeste.

hoje na tv

ABC continua busca pelos reforços O ABC segue negociando para renovar os contratos dos jogadores que eram titulares na reta final da série B do Brasileiro. Diariamente a comissão técnica, formada por Roberto Fernandes, Zé do Carmo e Luís Muller, se reúne com o diretor executivo de futebol do clube, Ferdinando Teixeira, para acertar contratações. A expectativa é de que hoje a torcida alvinegra tenha novidades sobre reforços. Devem ser anunciados mais três reforços para a disputa do campeonato potiguar, marca-

EUA renovam contrato com Klinsmann

O atacante Rafinha, revelação tricolor, reforça o América em 2014

10h30 - Copa do Mundo de Bobsled; SporTV 2 13h - Copa do Mundo de Snowboard; SporTV 2 15h - Liga de Futebol de 7: Fluminense x Madureira; SporTV 16h - Campeonato Brasileiro Sub-20 de Futebol: Atlético-PR x Grêmio; SporTV 2 16h - Liga de Futebol de 7: Atlético-PR x Bahia; SporTV 16h15 - Mundial Feminino de Handebol: Dinamarca x Brasil; Esporte Interativo 16h30 - Campeonato Alemão: Hertha Berlim x Werder Bremen; ESPN Brasil 18h - Campeonato Brasileiro Sub-20 de Futebol: Corinthians x Coritiba; SporTV 2 18h - Superliga Masculina de Vôlei: Campinas x Juiz de Fora; SporTV 20h30 - Superliga Feminina de Vôlei: Rio de Janeiro x Brasília; SporTV 21h - NHL: Pittsburgh Penguins x New Jersey Devils; ESPN+


TELEFONES ÚTEIS

DÓLAR COMERCIAL

EURO TURISMO

Receita: 3220-2200 Procon Estadual: 3232-6869 Procon Municipal: 3232-9050 DRT RN: 3220-2000

Compra: R$ 2,3420 Venda: R$ 2,3430

Compra: R$ 3,1000 Venda: R$ 3,3630

DÓLAR TURISMO

LIBRA ESTERLINA

Compra: R$ 2,3530 Venda: R$ 2,4630

Compra: R$ 3,8266 Venda: R$ 3,8280

A CONSULTORA KARLA MOTTA DEFENDE A CRIAÇÃO DE UM PLANO DE INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA . Página 4

NA TN ONLINE Hotsite da Tribuna mostra a interiorização da indústria, as oportunidades de negócios e empregos. tribunadonorte.com.br/costurandoodesenvolvimento

economia Editora: Renata Moura [ renatamoura@tribunadonorte.com.br ]

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013

RN teve a maior alta do óleo diesel « COMBUSTÍVEIS » O valor do combustível subiu 8,8% nas refinarias, o maior reajuste do país, segundo a Fecombustíveis. Consumidores se queixam da alta também da gasolina, e os Procons ameaçam multar postos

U

ma nota divulgada ontem pela Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes (Fecombustíveis) apontou que o Rio Grande do Norte foi o estado que registrou a maior alta no preço do óleo diesel comprado pelas distribuidoras no país (+8,9%). O segundo colocado é o Paraná, onde o valor pago pelas distribuidoras subiu 8,8%, após reajuste de 8% no diesel anunciado pela Petrobras no último dia 29. A Federação, que representa os donos de postos de todo o país, não divulgou a variação do preço da gasolina nem disponibilizou ou detalhou o levantamento. Para o diretor de Mercado do Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras (Sindicom), César Guimarães, a explicação para a diferença pode estar no frete pago e na carga tributária que incide sobre o diesel no estado. Guimarães evitou comentar o reajuste repassado pelos postos e garantiu que as distribuidoras não têm cometido abuso na hora de repassar o aumento para os revendedores.

Multas Os reajustes repassados estão na mira dos órgãos de Proteção e Defesa do Consumidor do estado. Só esta semana, o Procon Natal notificou 36 dos 60 postos fiscalizados, por apresentarem indícios de reajustes abusivos. Os estabeleci-

ADRIANO ABREU

ì O QUE Os preços dos combustíveis foram reajustados no final de novembro

COMO A Petrobras aumentou a gasolina e o diesel nas refinarias e a alta chegou também ao consumidor

mento, segundo o coordenador do órgão, Kleber Fernandes, têm dez dias, a contar da notificação, para justificar o aumento, sob pena de pagar multa ou ter a atividade suspensa. O Procon estadual, por sua vez, autuou e multou 19 postos de combustíveis em três dias de fiscalização por aplicarem reajustes acima do previsto. Os primeiros seis postos autuados têm até hoje, às 10h, para enviar as planilhas de custos e justificar os reajustes. Até as 18h de ontem, só quatro dos seis haviam enviado os dados para o Procon/RN. Quem não encaminhar as planilhas, destaca Ney Lopes Júnior, coordenador do Procon no estado, pode ter o posto interditado por tempo indeterminado já hoje. As operações de fiscalização, segundo ele, continuam. “Desta vez, fiscalizaremos os postos da Grande Natal. Recebemos denún-

cias de consumidores que foram abastecer e se depararam com preços abusivos”, afirmou Ney Lopes Júnior, para quem qualquer reajuste acima de 2,5% no preço da gasolina é abusivo. As primeiras multas, afirma o coordenador do Procon estadual, já começaram a ser calculadas. “Os autos saíram do departamento de fiscalização e seguiram para o jurídico, onde devem permanecer por 48 horas ou 72 horas. De lá, seguirão para a comissão que calcula o valor da multa”, explicou. Segundo ele, todos os postos autuados serão multados, independente da justificativa que apresentarem. “Todos, com exceção dos de Mossoró, aplicaram reajustes acima de 2,5% no preço da gasolina”, justificou. Os postos de Mossoró foram autuados não porque aplicaram reajustes abusivos, mas porque, segundo Ney Lopes Júnior, já “cobravam preços abusivos antes mesmo do último reajuste”. A Petrobras foi procurada, informou que estava apurando as informações, mas não enviou um posicionamento até o fechamento da edição. A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) lan��ará uma nova pesquisa de preços hoje. Segundo o sindicato nacional das distribuidoras (Sindicom, o levantamento dessa semana deverá trazer um retrato mais fiel do aumento.

BATE-PAPO César Guimarães diretor de mercado do Sindicato Nacional das Distribuidoras de Combustíveis

“O que posso dizer é que as distribuidoras não reajustaram o preço de forma abusiva” Nota divulgada pela Fecombustíveis revela que o preço do combustível cobrado pelas distribuidoras subiu em proporções diferentes em cada Estado. O que justificaria isso?

Há várias razões para o preço do combustível subir mais num estado do que no outro. Entre essas razões estão o custo do frete e a carga tributária, que varia de estado para estado. No caso do óleo diesel, na maioria dos estados do Nordeste, a alíquota de ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) que incide sobre o valor representa 17% do preço final. Isso influencia diretamente o preço cobrado. E no caso da gasolina?

O ICMS que incide sobre a gasolina do RN representa 27% do preço. Em Goiás, representa 29% e no Rio de Janeiro 31%. Nesses outros estados, os preços cobrados são maiores. A carga tributária que incide sobre a gasolina do RN é maior do que a que incide na gasolina de outros Estados do Nordeste?

A carga tributária do RN é semelhante. Em Pernambuco, na Paraíba e no Ceará, por

O reajuste foi repassado na mesma proporção, apesar do impacto ser menor em alguns Estados, devido à carga tributária e ao frete” exemplo, ela também é de 27%. O Sindicato dos Postos de Combustíveis do RN disse que os postos estão vendendo a segunda gasolina mais cara do Nordeste, em termos de preço médio, porque têm comprado a segunda mais cara da região. A explicação foi dada depois que os Procons do RN e de Natal acusaram os postos de cobrarem preços abusivos. Que análise o senhor faz?

Não sei se os postos de combustíveis estão aplicando reajustes abusivos. O que posso dizer é que as distribuidoras não reajustaram o preço de forma abusiva. Elas não estão fazendo isso.

Números da ANP mostram, por exemplo, que o aumento médio do diesel e da gasolina não ultrapassaram o valor anunciado pela Petrobras, no RN. As distribuidoras estão vendendo combustível mais caro desde quando?

O reajuste foi aplicado logo nos primeiros dias da semana seguinte ao anúncio da Petrobras. O reajuste repassado pela Petrobras para as distribuidoras foi repassado na mesma proporção para os postos?

Sim, apesar do impacto ser menor em alguns estados, dependendo da carga tributária e do frete. A nota da Fecombustíveis também menciona um aumento de 7% no preço do etanol em novembro, que vai na composição da gasolina comum. Esse reajuste já começou a ser repassado para o consumidor final?

Ainda não. Dá para prever quando será repassado?

O que posso dizer é que o impacto não será significativo.

Os Procons têm notificado postos para obter explicações sobre os aumentos que acham ‘abusivos’


2

economia

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Negócios &Finanças

Último lote de restituições será pago nos dias 16 e 20

LUIZ ANTÔNIO FELIPE [ laf@tribunadonorte.com.br]

Sem medo do FED O Brasil está bem posicionado para o fim de estímulos nos EUA, reforça Alexandre Tombini, presidente do Banco Central. Ele classificou a instabilidade associada à expectativa com fim do programa de compras de ativos pelo BC americano, o Federal Reserve, como “volatilidade do bem”. Para Tombini, “quanto mais cedo vier fim de estímulos nos EUA, melhor”. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, adota o mesmo tom e diz “Estamos bem preparados para a retirada dos estímulos do Fed”. O Brasil tem um colchão de divisas para intervir no mercado e evitar ações especulativas.

DECEPÇÃO “Enquanto o sr. Lobo (FED), não vem”, a decepção com o PIB negativo do Brasil é cada vez maior. O G-20 diz que o PIB do Brasil é o pior do grupo no terceiro trimestre. O G-20, bloco formado pelas 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia, cresceu 0,9% no terceiro trimestre de 2013, ligeiramente acima do avanço de 0,8% nos três meses anteriores.

Ranking

Proibição

Se não bastasse um PIB negativo, vem outro dado ruim. O Brasil é o penúltimo colocado em ranking de competitividade, segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI). Numa comparação entre 15 países com características econômico-sociais ou posicionamento no mercado internacional semelhantes, o Brasil só é mais competitivo que a Argentina.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) proíbe a cobrança de taxas para abertura de contas e emissão de boletos. Essa decisão judicial não é nova, mas não chegou ao topo, o STF. Por enquanto, a cobrança abusiva de taxas vai continuar pesando no bolso do cliente bancário e gerando receita para as instituições financeiras.

EXPORTAÇÕES A Agrícola Famosa, com fazendas no RN e no Ceará está otimista com a produção de frutas e o mercado. O consumo na Europa vem amentando. O mercado brasileiro também está com o consumo em alta. A empresa vai produzir melão numa área em Pedro Avelino, região central do Estado.

empresas de pequeno porte do RN. Vários segmentos estão representantes em estandes coletivos, com o de balas e pirulitos, com seis fabricantes. A feira tem tudo para se tornar uma referência, a partir do próximo ano.

VAREJO O volume de vendas do comércio varejista no país cresceu apenas 0,2% em outubro, mas é uma alta que se repete pelo 8º mês consecutivo. A taxa também é a menor desde março, aponta o IBGE. O consumidor se mostra retraído, embora pagando as dívidas e aproveitando para botar parte do dinheiro na poupança. Natal ganha o prêmio “Jacaré de Ouro” como o melhor destino turístico de eventos do Nordeste, na 14ª edição do Prêmio Caio 2013. Concorreu com Maceió e Bahia (Costa do Sauípe) e pela sétima vez conquistou o reconhecimento a nível nacional da cidade do Nordeste melhor posicionada no ranking brasileiro. Com um pouco mais de divulgação, e novos destinos, o RN ganhará muitos “jacarés”.

1

O RN está em terceiro lugar na oferta de energia eólica hoje, no leilão do governo. O estado terá uma oferta de 2.491 MW eólicos e 203 MW fotovoltaicos, ficando atrás da Bahia, com 4.656 MW de eólica e 1.319 MW de solar e Rio Grande do Sul, com 2.873 MW. No total, mais de 70% dos 21.130 megawatts (MW) da energia que será ofertada nesse 2º Leilão de Energia A-5.

2

teve o objetivo de contemplar mais contribuintes, segundo a Receita

Até 2016, 67,4 mil funcionários do Complexo de Suape, em Pernambuco deverão perder seus empregos, por conta da conclusão de várias obras, como a Refinaria Abreu e Lima, Sem um programa de profissionalização para a absorção dessa mão de obra, o problema social será gravíssimo. O governo de Pernambuco já pensa na construção de um novo porto, do lado de cá, próximo à fronteira com a Paraíba.

ANA SILVA

B

rasília (AE) - A Receita Federal vai liberar a consulta ao sétimo lote do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2013 na próxima segunda-feira, 16, a partir das 9 horas. O pagamento das restituições será feitos em duas datas: parte dos contribuintes receberá no próprio dia 16 de dezembro e outra parte no dia 20 do mesmo mês. Segundo a Receita Federal, no sétimo lote, que é o último, serão pagas as restituições de todos os contribuintes cujas declarações não ficaram retidas em malha. Serão contempladas cerca de 2,2 milhões de pessoas, com um valor total de R$ 2,6 bilhões. Também a partir de segunda-feira será possível consultar os lotes residuais referentes aos exercícios de 2012 a 2008, correspondentes aos anos-calendário de 2011 a 2007. “Neste ano, a liberação do último lote em duas datas permitiu contemplar o maior número possível de restituições, incluindo inclusive aqueles contribuintes que foram liberados da malha durante o mês de dezembro”, informou a Receita.

Malha fina A Receita Federal informou

Indústria na vitrine Termina hoje à noite, no Centro de Convenções, a I Feira Potiguar da Indústria, promovida pela Fiern, em parceria com o Sebrae. O objetivo é estimular parcerias entre grandes corporações do setor industrial e as

« IMPOSTO DE RENDA » Estratégia de liberar o dinheiro em duas datas

Os contribuintes podem checar, no dia 16, se foram contemplados no lote ou se estão na malha fina

que 711.309 declarações ficaram retidas na malha neste ano. “Está dentro da expectativa, porque o número de declarantes também aumentou”, afirmou o secretário da Receita, Carlos Alberto Barreto. No ano passado, foram retidas 604.299 declarações. A omissão de rendimentos, segundo o Fisco, é o principal motivo de incidência na malha em 2013, com 373.820 declarações retidas, o que representa 53% do total. Outros motivos es-

tão ligados, por exemplo, a despesas médicas e previdência privada. O contribuinte pode consultar informações atualizadas sobre a situação da declaração na página www.receita.fazenda.gov br/PessoaFisica/IRPF/2013. Na seção “Pendências”, é possível identificar se a declaração está retida em malha fiscal ou se há alguma informação que ainda precisa ser regularizada. Se encontrar algum erro, o contribuin-

te pode regularizar sua situação apresentando declaração retificadora. Se não houve erro na declaração e o contribuinte tiver todos os documentos que comprovem as informações declaradas, ele pode optar por aguardar a intimidação ou agendar pela internet a apresentação dos documentos ao Fisco. O agendamento para declarações do exercício 2013 começa a partir do primeiro dia útil de janeiro de 2014.

Brasil teve o pior PIB no G20 « ECONOMIA » O Produto Interno Bruto (PIB) do país caiu 0,5% no terceiro

trimestre deste ano, ante o anterior. Foi o pior entre as maiores economias ELZA FIÚZA

3

Guido Mantega, ministro da Fazenda: resultado já era esperado

B

rasília (ABr) – O Brasil teve o pior desempenho econômico no terceiro trimestre este ano, entre os países membros do G20 (principais economias do mundo). A informação consta do relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), divulgado ontem. No Brasil, o Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, caiu 0,5% no terceiro trimestre deste ano, em relação ao trimestre anterior. Essa foi a primeira contração desde o primeiro trimestre de 2009. Para a organização, esse resultado pode ser explicado em parte como reflexo do “notável” crescimento de 1,8% no segundo trimestre. O ministro da Fazenda, Gui-

do Mantega, já havia admitido, no último dia 3, que o Brasil teve o pior desempenho entre os países do G20 e do Brics (Brasil, Rússia, China, Índia e África do Sul), no terceiro trimestre. O ministro argumentou, entretanto, que os números revisados do PIB do segundo trimestre indicam resultado inverso, com a economia brasileira tendo crescimento maior que a dos integrantes dos dois blocos. Entre os países do G20, a França também apresentou queda (0,1%). A China teve o maior crescimento, com 2,2%, seguida pela Índia, onde o PIB cresceu 1,9%. Nos EUA, no Reino Unido e Canadá, a expansão do PIB ficou em 0,9%, 0,8% e 0,7%, respectivamente. No México, o crescimento foi 0,8%, enquanto na Itália houve estabilidade.

AVIAÇÃO A Tam apresenta as novidades que estarão à disposição dos clientes em 2014. A convite do diretor comercial da Tam, Klaus Kuhnast, as empresárias Diassis Rosado, diretora da Harabello turismo e presidente da ABAV-RN e Maria Amélia Carvalho, diretora da Aerotur participam da reunião de negócios da Latam, em São Paulo. O melhor para o Nordeste seriam novos vôos

PLANO O número de usuários de planos de saúde no país atingiu a marca de 49,2 milhões, crescendo de 2,7% no primeiro semestre de 2013. Acima da média nacional, o Hapvida registra no mesmo período, 5,8% de expansão. Dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) mostram que o Hapvida tem mais 2,4 milhões de beneficiários, sendo a terceira maior operadora de saúde do País. PROMOÇÃO A Ecocil faz a “Promoção da Virada”, até domingo, para marcar o fechamento da central de vendas (na BR 101, vizinho ao Makro), devido ao avanço das obras e início da entrega das etapas do Ecocil Central Park Condomínio Clube. A nova sede da Ecocil ficará na Roberto Freire, no Espacial Mall, ao lado do Hipermercado Extra. CENTRAL A Cyrela Plano&Plano abriu em sua Central de Oportunidades o único decorado Double Flat da cidade. Com 165 m² e decoração assinada pela arquiteta Gladys Fernandes, o apartamento leva o cliente aos ambientes disponíveis no In Mare Bali, primeiro Residencial Resort do RN em fase de construção em Cotovelo.

OS DOMINGOS tn família NATODOS TRIBUNA DO NORTE


economia

Natal â&#x20AC;˘ Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

3


4

economia

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

»ENTREVISTA » KARLA MOTTA

CONSULTORA E PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE LOGÍSTICA ALEX RÉGIS

‘Falta visão de longo prazo para o Rio Grande do Norte’

rados em outros estados parta saírem pelo RN e também os de fora que vão entrar por aqui para serem distribuídos internamente. É uma grande aposta o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, mas precisa da infraestrutura, dos operadores de logística de centros de distribuição, de terminais de suporte para acomodar a carga até o embarque ou no transbordo. Não adianta ter só o Aeroporto, precisa desses espaços para a movimentação e estocagem de cargas.

« MOTORES » A presidente da Associação Brasileira

Sem isso, o hub ficará comprometido?

de Logística, Karla Motta, falou da necessidade da construção de um plano de infraestrutura logística

C

om a operação do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e previsões de expansão do Porto de Natal, o estado espera melhorar a oferta de escoamento de produção, reduzir custos e alavancar a industria potiguar. Em entrevista a TN, a presidente da Associação Brasileira de Logística Karla Motta falou da necessidade da construção de um plano de infraestrutura logística do Estado integrado a um política estadual de desenvolvimento econômico. “O maior gargalo é sim a falta de projetos e planejamento”, ressalta a Karla Motta. O assunto será debatido durante o Seminário Motores do Desenvolvimento do Rio Grande do Norte, com o tema “Oportunidades e Desafios da Indústria: 60 anos da Fiern. O evento será no próximo dia 16, às 8h, no Auditório Albano Franco, na Fiern, e terá participação do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, do presidente da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), Robson Braga de Andrade, entre outros. O Motores é realizado pela TRIBUNA DO NORTE, Salamanca Capital Investments, Sistema Fiern, Sistema Fecomércio/RN, com apoio do BNDES e patrocínio do Sebrae e Prefeitura do Natal. Confira a entrevista.

Infraestrutura logística é posta como um dos principais gargalos para a expansão da indústria. Como a senhora analisa essa oferta no Estado?

Quando se fala em infraestrutura logística temos que estabelecer os chamados nós que são a origem e os destinos, e os arcos que são os caminhos que a mercadoria pode seguir, seja rodoviário, aéreo, ferroviário e o aquaviário, no marítimo ou fluvial. Para isso, é preciso que se leve em consideração qual a necessidade real de infraestrutura. E não se conhece essa realidade no Estado, que só pode ser comprovada a partir de um dimensionamento. Esse é o principal gargalo, na sua opinião?

O maior gargalo é sim a falta de projetos e planejamento. Só com planejamento é possível desenvolver projetos, resolver a questão de licenciamentos ambientais e daí é possível captar os

A impressão que eu tenho é que falta visão de longo prazo como um todo para o Estado. Para os negócios de longo prazo, para a identificação de oportunidades de desenvolvimento industrial, para agregar valor às matérias-primas”

recursos para a execução desses projetos. Precisa ter um projeto integrado e a definição de para onde o Estado deve e quer crescer. Sem isso, não há liberação de recursos. É mais fácil colocar a infraestrutura na frente e puxar o desenvolvimento depois, o contrário é desastroso. Prova disso é o caso das eólicas, temos um parque de geração significativo no Estado e sem meios de escoar. Não foram montadas as redes, as linhas de transmissão de energia. A impressão que eu tenho é que falta visão de longo prazo como um todo para o Estado. Para os negócios de longo prazo, para a identificação de oportunidades de desenvolvimento industrial, para agregar valor às matérias-primas. Essa visão de longo prazo é o que tem o poder de transformar o Estado. Hoje não existe um diagnóstico, um documento consolidado, organizado para se conhecer o que temos em infraestrurura e quais as fragilidades. O que é necessário para esse dimensionamento?

Precisamos de um estudo para saber quais as indústrias instaladas no Estado, de onde compram matéria-primas, os fluxos de entrada desses insumos que são transformados pelas indústrias e depois os destinos dessas mercadorias. A partir daí, dimensionar que volumes são esses,

É uma responsabilidade coletiva da indústria e do governo do Estado fazer funcionar e precisa desse planejamento de logística.

quais as características dessas cargas para daí definir qual o melhor modal para esse transporte. Tive informação recente que a Fiern está, por meio de consultoria contratada pela CNI, fazendo um projeto de integração logística para a região Nordeste.

Nesse contexto, caso a Zona de Processamento de Exportações de Macaíba não se consolide, quais seriam os impactos?

O aeroporto é um equipamento privado, claro que teria um impacto porque perderia um potencial fornecedor de cargas. Mas o prejuízo maior seria para o Estado em perder um ambiente de desenvolvimento industrial consolidado importante. A existência dessa ZPE tem o potencial de ser um elemento de desenvolvimento.

Quanto representa o fator logística dentro do custo de produção?

Varia de produto a produto. No caso do sal, por exemplo, explorado em grande volume aqui no Rio Grande do Norte até 80% do preço do produto é transporte. Por isso a necessidade de conhecer transportes mais viáveis para grandes volumes com o menor custo unitário. Um erro crasso é transportar minério de ferro pelo modal rodoviário. É inconcebível, porque esse tipo de transporte é inviável, primeiro porque o custo do frete para o preço da mercadoria não compensa. Para o minério de ferro é preciso o modelo ferroviário devido o volume e valor da carga e o custo do frete. Um estudo da ANTT indicava que esse modal não seria interessante para o Estado. A senhora discorda dessa colocação?

O modal ferroviário é viável a medida que há o minério e estar sendo transportado por rodovia. E há no Estado produtos que são produzidos em grande volume, como o sal e os minérios que são transportados por rodovias, o que reduz a vantagem competitiva da indústria potiguar, com o custo do frete muito alto. Um estudo ANTT apontou em 2004 a inviabilidade financeira a curto prazo, ou seja, quem começasse a operar não teria retorno logo, mas teria viabilidade econômica, havendo o redirecionamento de cargas para aquele modal no médio prazo tornaria-se viável financeiramente. A oferta de infraestrutura gera a demanda por ela, desde que se tenha consciência do beneficio que traz. Isso recai num ciclo vicioso: não se tem indústria para fazer infraestrutura e porque não tem essa infraestrutura, as indústrias não vêm para cá. Como se resolve essa equação?

Isso se resolve exatamente com uma análise do potencial do desenvolvimento do estado em ci-

O primeiro mapa da política de concessões de rodovias acabou mais voltado para o eixo SulSudeste. O Nordeste poderá ficar isolado? Quais os benefícios e desvantagens desse modelo?

ma de seus insumos o que há de matéria prima para ser explorada e a partir daí o estudo de logística integrada dentro do plano de desenvolvimento econômico do Estado. A perda de competitividade da indústria potiguar está atrelada à falta de infraestrutura?

Não só. Um ponto que também contribui para essa perda de competitividade e isso foge a questão de infraestrutura logística é a agregação de valor. O Rio Grande do Norte continua fornecendo matéria-prima bruta. O sal é vendido minimamente beneficiado quando chega em outro local ele é refinado, triturado adiciona iodo, ensaca e volta pra cá custando 20% a mais do preço que saiu. É preciso agregar valor, trazer tecnologias, indústrias de beneficiamento de matérias-primas para fortalecer o setor e ter um produto mais forte. A indústria precisa entender que podem ser mais competitiva com boa logística e pensar logística é configurar essa cadeia produtiva. Para crescer, precisa definir o perfil da indústria?

Você tocou num ponto fundamental é essa definição e projeção a longo prazo. Não é esperar que primeiro tenha a demanda. É preciso que gestores e empresários se unam para definir: vamos desenvolver o estado nessa direção e em relação a que produtos vai se tornar competitivo e o que requer de in-

fraestrutura, qualificação de pessoal e facilitação do comércio para isso. As obras de expansão do Porto de Natal, com a construção de retro área, o Berço 4, e implantação das chamadas linhas de cabotagem ainda não...

O porto tem a ver também com a competitividade. Tem a ver em quanto o industrial, o empresário vai gastar para enviar a mercadoria mais rápido e com mais segurança. A indústria que consegue ter um fluxo contínuo de abastecimento parte na dianteira. Os outros Portos como Pecém (CE) e Suape (PE), se desenvolveram mais e isso ocorre muito mais em virtude de a articulação dos governantes e das classes industrias voltados para o desenvolvimento a logo prazo. O meio aquaviário é ainda o mais barato. Há uma relação de 1 para transportar por água, 3 por ferrovia, 6 para transportar por rodovia e 9 pelo modo aéreo. Em relação as linhas de cabotagem, podemos dimensionar o prejuízo se levarmos em consideração a grande economia que poderia sendo feita, ou seja, um sexto do que estão pagando hoje por rodovias. A cabotagem agrega a competitividade. O que esperar a partir da operação do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante em 2014?

É um canal de escoamento é provável que aumente o fluxo de cargas de produtos que são elabo-

A concessão significa transferir a responsabilidade de um serviço que em nosso país está delegado ao poder público para a iniciativa privada gerenciar. E a iniciativa privada vai se interessar naquilo que lhe dê um retorno financeiro. Assim como precisamos de um planejamento para conhecer a demanda atual e futura de infraestrutura necessária para a movimentação de cargas, essas empresas que ao participar quando vão fazer seus investimentos elas também tem a mesma visão. Sabe quantas veículos passam por minuto em cada rodovia e qual a demanda e podem fazer uma projeção do faturamento. E, eu não tenho conhecimento dos dados, mas é possível que as regiões Norte-Nordeste sejam prejudicadas devido ter uma infraestrutura mais precária. É mais fácil administrar vias em melhor estado do que dar padrão a elas para poder ofertar serviços. Poderá se repetir o que ocorreu no caso das linhas férreas?

Quando houve as concessões de linhas férreas, as empresas vencedoras assumiram os lotes, mas só deixaram funcionando onde era viável naquele momento. Isso quer dizer que elas foram as responsáveis pela deterioração das linhas férreas? Não, se o Estado tivesse gerado o desenvolvimento e a demanda por linha férrea elas iriam operar. Não se desenvolve o Estado sem uma movimentação integrada, quando um projeto não tem dono, não evolui.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

economia

5

Varejo terá Natal mais fraco este ano « VENDAS » Pesquisa da FGV aponta que os gastos com presentes neste final de ano chegarão ao pior nível

desde 2008, quando começou a crise financeira global. Juros e inflação deixaram o consumidor cauteloso ALBERTO LEANDRO

R

Consumidor está menos inclinado a comprar eletrodomésticos

« ENERGIA »

RN participa de leilão com eólicas e usinas solares O Estado participa de leilão hoje após desempenho nulo na última disputa

R

io de Janeiro (ABr) – O governo federal realiza hoje o último leilão de energia do ano. O objetivo é contratar energia para abastecer o país a partir de 2018. O Rio Grande do Norte participará com projetos de energia eólica e solar. Mais de 70% dos 21.130 megawatts (MW) da energia que será ofertada pelos estados no leilão será de matriz eólica (13.287 MW) e solar (2.234 MW). A fonte solar terá 88 projetos fotovoltaicos, com 2.024 MW e sete empreendimentos heliotérmicos, com 210 MW. As informações são da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) do Ministério de Minas e Energia. O estado com a maior oferta nas duas modalidades é a Bahia, com 4.656 MW de eólica e 1.319 MW de solar, sendo 1.109 MW fotovoltaicos e 210 MW heliotérmicos. O Rio Grande do Sul apresenta a segunda maior oferta de eólica, com 2.873 MW. O Rio Grande do Norte terá oferta de 2.491 MW eólicos e 203 MW fotovoltaicos. O Ceará aparece na quarta posição na oferta de energia eólica, com 1.547 MW, além de 73 MW de fotovoltaica. Este leilão ocorre após um outro realizado em novembro, ocasião em que a carência de subestações e linhas de trans-

missão no Rio Grande do Norte foi uma das razões apontadas para o desempenho ‘frustrante’ do estado, segundo avaliação do próprio governo do estado. O leilão só contratou projetos com escoamento de energia garantido. O RN não conseguiu negociar nenhum dos 71 projetos de parques eólicos que habilitou para a disputa. Feito inédito para o estado, que passou a disputar leilões com a participação de eólicas em 2009, e chegou a ser líder em anos anteriores.

Disputa O leilão de hoje também terá 2.140 MW de energia produzida por quatro termelétricas a carvão, sendo dois projetos no Rio Grande do Sul, um em Santa Catarina, e mais um em São Paulo. Duas hidrelétricas representarão oferta de 1.118 MW: no Pará e em Rondônia, com 418 MW. Haverá ainda a oferta de energia produzida por 32 pequenas centrais hidrelétricas, com 520 MW, e 14 termelétricas a biomassa, com 593 MW. Informações mais detalhadas podem ser obtidas na página da EPE na internet. Os leilões são importantes porque garantem mercado de longo prazo para o setor, viabilizando o investimento nos projetos de geração de energia. No caso dos parques eólicos, há forte geração de empregos na fase de construção dos empreendimentos. JÚNIOR SANTOS

Geração de energia eólica: RN tenta viabilizar investimentos

io (AE) - Com o varejo dando sinais de desaceleração neste segundo semestre, os comerciantes não devem reservar grandes expectativas para as vendas de Natal. Se depender do consumidor, os gastos com presentes neste final de 2013 serão menores do que em anos anteriores e chegarão ao pior nível desde 2008, ano do início da crise financeira global. A estimativa é da Fundação Getúlio Vargas (FGV) com base em dados da Sondagem do Consumidor de novembro. O levantamento exclusivo, obtido pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, revela que o ânimo do consumidor para compras natalinas caiu 3,9% em relação a 2012, para 78,0 pontos. “Há uma sensível redução em relação a 2012”, analisou a coordenadora da pesquisa, a economista Viviane Seda. “O indicador mostra desaceleração do consumo nesse período natalino “ Ao longo do ano, segundo Vi-

viane, o consumidor se mostrou mais cauteloso em relação às compras e mais preocupado com a situação das finanças pessoais (tanto no presente quanto no futuro) e do emprego, o que se traduziu em menor ímpeto para compras natalinas. “Tem ainda o aumento da taxa de juros e o medo da volta da inflação, que estão ajudando esses consumidores a se tornarem mais cautelosos.” Segundo a pesquisa, 34,2% dos consumidores pretendem gastar menos do que o ano passado. Essa fatia é um pouco menor do que os 35,9% observados em 2012. Mas o resultado, que poderia ser interpretado como um sinal positivo, é compensado por um recuo mais intenso na parcela dos que pretendem gastar mais. Em 2012, eles eram 17,2% dos consumidores. Neste ano, eles são 12,2%.

Produtos O menor ímpeto para compras natalinas segue a tendência de moderação de consumo de bens du-

O indicador mostra desaceleração do consumo nesse período natalino”. VIVIANE SEDA economista da FGV

ráveis percebida nas sondagens ao longo deste ano. O indicador de intenção de compra de duráveis caiu 3,4% em novembro deste ano (em relação a igual período de 2012), para 89,8 pontos. É o pior nível desde 2009, quando estava em 88,4 pontos. Com isso, menos gente pretende comprar eletroeletrônicos e eletrodomésticos para dar de presente neste Natal. Os eletroeletrônicos são a opção de 5,4% dos consumidores, enquanto os eletrodomésticos são a preferência de 0,5%. Em 2012, esses porcentuais eram de

7,5% e 0,6%, respectivamente. Por trás dessa mudança está o preço. “Esses itens têm preço maior e dependem mais de prazo e de crédito, que não são favoráveis nesse momento. Há encurtamento dos prazos para pagamento, e alguns estão com taxas de juros que o consumidor não está disposto a pagar no momento”, disse a economista. O preço médio previsto para os presentes recuou de 4,4% em termos reais neste ano em relação ao Natal de 2012. Para Viviane, produtos com maior flexibilidade de valores ganham pontos neste fim de ano, enquanto os mais caros devem demorar a sair das lojas. Nessa esteira, os brinquedos também perderam espaço: 12,7% dos consumidores pretendem presentear alguém com brinquedos, contra 21,1% no ano passado. Quem ganha, contudo, é o setor de roupas e calçados. Neste ano, ele é a preferência de 50,8% dos consumidores, um aumento ante os 45,1% observados em 2012.


6

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

economia

Agricultura busca novos mercados « FEIRA DA INDÚSTRIA » Produtores tentam conquistar espaço nos supermercados, vendendo de forma

direta para redes locais. Atualmente, muitos comercializam por meio de atravessadores e ganham menos FOTOS: ALEX RÉGIS

U

nir-se a outras associações formadas por agricultores de assentamentos rurais e formar uma cooperativa para negociar diretamente com as redes de supermercado do estado. Foi essa a ideia que o produtor rural Francisco Jalmir da Silva teve após participar de uma rodada de negócios durante o segundo dia da Feira Potiguar da Indústria - evento que começou na última quarta-feira e segue até hoje no Centro de Convenções, na Via Costeira. Jalmir é presidente da Associação do Assentamento de Reforma Agrária de Riachão 2, em Ceará Mirim, e viu durante oito anos a produção de seu assentamento ser negociada por atravessadores por até metade do preço e sem nenhuma garantia de pagamento. Na rodada de negócios de ontem, o produtor vislumbrou a oportunidade de negociar diretamente com os empresários. “Passamos oito anos vendendo toda a nossa produção para os atravessadores. Isso só mudou há dois anos, quando passamos a vender também para prefeituras e colégios”. Hoje, 20% do que o assentamento produz é vendido para atravessadores. Percentual que, segundo ele, deverá cair em breve. “Queremos vender direto para os supermercados”, afirma o agricultor, que admite enfrentar dificuldades na hora de negociar diretamente com os supermercadistas da região. “Já visitamos vários, mas eles não nos recebem e quando nos recebem dizem que já tem os seus fornecedores”, relata Gilmar Bernado da Silva, também produtor rural do assentamento Riachão 2. Dificuldade que parece ter sido superada durante o encontro de ontem. “Conversamos com vários empresários. Eles anotaram nossos contatos e ficaram de ligar. Vamos levar algumas amostras dos nossos produtos”, disse. Segundo o Serviço de Apoio

Palestras, minicursos e rodadas - hoje Programação da Feira Potiguar da Indústria Palestra principal: Dia 13 Tema: Empreendedorismo e Educação 20h: Palestra - Bel Pesce - "Empreender para mudar a sua vida" Palestras - CTGÁS

MINICURSO

13 de dezembro 16h/16h40 - Medição de Qualidade de Energia - Hudson Rezende

Título: Tendências de Consumo Subtítulo: Nordeste: potencial para crescer com lançamentos Palestrante: Luciana Antonia Ferreira Ignez, Executiva da Nielsen Dia e Horário: 13/12/2013 16hs às 17h30

16h40/17h20 - Matérias-primas para Indústria Vermelha José Nildo Galdino

Rodada de Negócios entre produtores do Mato Grande e redes de supermercados: parcerias

à Micro e Pequena Empresa no RN (Sebrae/RN), que tem realizado as rodadas de negócios, 15 supermercadistas participaram do encontro com os produtores do Mato Grande ontem. Alguns, como Marcus Sérgio Soares Ferreira, dono e gerente do Supermercado Econômico, fecharam negócio. “Conversei com representantes de várias associações de produtores. Fechei negócio com um agricultor que produz jerimum e macaxeira. Consegui negociar um bom preço e a plantação fica na mesma região do meu supermercado”, afirmou ele, que é de João Câmara e veio a Natal para participar da rodada. Apresentar o produto de outra forma e até buscar novos mercados, como fizeram os agricultores, não deixa de ser uma inovação para os produtores rurais, destaca Maiza Pessoa, gerente da unidade de Acesso ao Mercado do Sebrae. Enquanto Gilmar e Jalmir inovavam ao imaginar uma melhor forma de colocar seus produtos no mercado, o tema era debatido num dos auditórios do evento com empresários de todos os ramos, incluindo da agropecuária.

Inovação avança, mas ainda está aquém do ideal no RN Os empresários potiguares têm inovado mais, destaca Aldayr Dantas de Araújo, doutor em Engenharia Elétrica, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e diretor do Núcleo de Inovação Tecnológica da universidade. Aldayr Dantas ministrou um mini-curso durante o segundo dia de feira sobre marcas e patentes e admitiu: nem todos os empresários potiguares despertaram para a importância da inovação. O número de contratos celebrados entre empresários locais e pesquisadores da UFRN, no âmbito do Núcleo de Inovação, tem aumentado nos últimos anos, mas ainda assim está aquém do ideal. Segundo Aldayr, o número de contratos firmados saltou de 20, por ano, em média, em 2010, para 50, em 2012. Número que deverá ser ainda maior em 2013. “Ainda assim muitos empresários não procuram o Núcleo nem a universidade”. Para Josélia Maciel Teixeira,

Inovar não é caro. Você inova quando realiza pequenas mudanças, por exemplo”. JOSÉLIA MACIEL TEIXEIRA gestora de inovação na Fiern

gestora do Núcleo de Apoio à Gestão da Inovação (Nagi), da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), não trata-se de uma questão de custos. Tratase de uma questão de cultura. “Inovar não é caro. Você inova quando realiza pequenas mudanças, por exemplo”, observa Josélia. Aldayr Dantas destaca o crescimento do número de patentes registradas pela UFRN, que saltou de 2 em 2004 para 67 em 2013, e afirma que o maior desafio continua sendo aproximar as empresas da universidade.

17h20/18h - Principais Fornos Utilizados pela Indústria de Cerâmica Vermelha José Nildo Galdino 18h/18h40 - Introdução à Energia Solar - Samira Azevedo 18h40/19h20 - Técnicas de Caracterização de Materiais Aplicados a Indústria – Angélica Gilksana

RODADA DE NEGÓCIOS Rodada da cerâmica e construção civil Dia 13 de dezembro de 2013 Das 14h às 18h Empresários produtores de insumos (produtos e serviços) para construção civil terão oportunidade de ofertar seus produtos para empresas compradoras do Rio Grande do Norte.

Fonte: http://www.fiern.org.br/feirapotiguar/

BATE-PAPO A maioria das empresas do Rio Grande do Norte é de médio e pequeno porte. As micro e pequenas empresas do RN têm inovado?

Sim, eles inovam até mais do que as grandes empresas, porque precisam de um diferencial. Elas inovam por uma questão de sobrevivência. Inovar é caro, como se imagina?

Aldayr Dantas de Araújo

Nem sempre. Depende da área e do tipo de inovação. Inovar não é só investir em tecnologia. Às vezes é mudar a forma de gerir o negócio, por exemplo. E nesse caso, o custo não é alto.

coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica da UFRN

O número de contratos celebrados entre empresas e universidade, embora crescente, ainda está aquém do ideal, como o senhor afirmou. Mas por que se inova pouco ainda?

Os empresários enfrentam tantas dificuldades em seu dia a dia que falta tempo para pensar em inovação. Empresa que inova vende mais, fatura mais, consegue mais clientes?

Sim. A inovação é uma forma de melhorar a gestão, os processos, a divulgação dos produtos e serviços. Como está a relação entre empresa e universidade, no Rio Grande do Norte? Ainda há um abismo separando o conhecimento que é produzido nas universidades e o dia a dia das empresas?

Temos registrado avanços. A universidade até tem obrigação de fazer pesquisa teórica. Agora precisamos ter consciência de que devemos ajudar o empresariado a encontrar soluções para os seus problemas, no âm-

bito da inovação, até porque somos mantidos pela sociedade. Com relação ao depósito de patentes (patente é um título de propriedade temporária sobre uma invenção ou modelo de utilidade), que é uma espécie de termômetro para a inovação de um determinado local, como o senhor avalia a situação do RN?

O Rio Grande do Norte vem avançando de maneira bem rápida, com a ajuda de instituições como a UFRN. A UFRN inclusive já ultrapassou estados como Sergipe e vem se aproximando de estados como Pernambuco, que tem 100 pedidos de patentes. (O RN tem 67, de áreas como engenharia de materiais e farmácia, em sua maioria). O ideal, no entanto, é que mais empresas depositassem pedidos de patentes. Digo isso porque quando olho os números, muitos pedidos de patentes são da universidade. Qual é a tendência?

O número de patentes depositadas por empresas locais vai melhorar aos poucos. E a situação do Brasil?

Temos que correr muito para alcançar outros países.

SAIBA MAIS Tanto a Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern) quanto a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) oferecem orientação para empresários que desejam inovar ou adotar uma postura mais inovadora em seus negócios. Para ter acesso às orientações, basta ir até ao Núcleo de Apoio à Gestão da Inovação (NAGI), na Fiern, ou até o Núcleo de Inovação Tecnológica, na UFRN. O NAGI conta ainda com a parcerias de instituições como Sebrae/RN, Fundação de Amparo à Pesquisa no estado, UFRN, Universidade Federal Rural do Semiárido, entre outras.


TELEFONES ÚTEIS Detran STTU Reboque 24h

MEMÓRIA

Encontro entre a 1ª versão da Kombi e a última. PÁGINA 2

3234-1214 3232-9120 3201-2960

ALAGAMENTO

Aprenda como ultrapassar alagados com segurança. PÁGINA 4

RETOMADA DO IPI DE AUTOMÓVEIS NÃO SERÁ TOTAL • PÁGINA 3

PRODUÇÃO

Vem aí mais uma fábrica da Honda no Brasil. PÁGINA 5

autos&motores Editor: Fernando Siqueira [fernandosiqueirarn@gmail.com

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013

BMW do Brasil

1.850.000 automóveis e mais de 117.000 motocicletas em todo o mundo. Seu lucro, antes dos impostos para o ano contábil de 2012, foi da ordem de sete bilhões oitocentos e vinte mil euros sobre rendimentos equivalentes a 76 bilhões 850 milhões de euros. Em 31 de dezembro de 2012, o BMW Group apresentou força de trabalho de aproximadamente 105.876 colaboradores.

lança versão de entrada, 316i, 2014 Com preço promocional de R$ 114.950,00, modelo traz motor TwinPower Turbo, tração traseira, transmissão de oito velocidades e generoso pacote de equipamentos de série superior no segmento de automóveis de luxo FOTOS: DIVULGAÇÃO

A

BMW do Brasil traz mais uma novidade para o mercado nacional, ampliando a Série 3. O BMW 316i chega como versão de entrada da linha de sedãs, com preço promocional de R$ 114.950,00. O segundo automóvel da gama, o BMW 320i, tem preço final fixado em R$ 129.95000. Com design esportivo e interior requintado, o modelo traz motor TwinPower Turbo de 136 cavalos de potência, câmbio de oito marchas e tecnologias de altíssimo nível de modernidade, como o Driving Experience Control com ECO Pro. “O automóvel BMW 316i chega ao mercado brasileiro para complementar o line-up de propulsores da Série 3, que também conta com as motorizações 320i de 184 cavalos de potência, 328i de 245 cavalos e 335i de seis cilindros, com 306 cavalos de potência. Essa versão tem o papel estratégico de ser a mais acessível da Série 3, concebida inteligentemente para atrair novos consumidores para a marca”, afirma Herlander Zola, Diretor de Marketing da BMW do Brasil.

Diferenciais do 316i Além do DNA esportivo da marca, o BMW 316i traz como principal diferencial em seu segmento o pacote de equipamentos de série. Essa versão possui faróis de xenônio, bancos dianteiros com ajustes elétricos, revestimento de couro ecológico Sensatec, ar-condicionado automático digital, rodas aro 17 polegadas, pneus com tecnologia Run Flat, sensores de estacionamento e sistema iDrive com tela de 6,5 polegadas.

Trajetória de sucesso O sucesso do BMW Group sempre foi construído com base no pensamento de longo prazo e ação responsável. Assim, a empresa estabeleceu sustentabilidade ecológica e social em toda a sua cadeia de valor, responsabilidade total pelos seus produtos e comprometimento claro e incontestável com a conservação dos recursos naturais como parte integrante da sua estratégia.

A marca em Natal

O automóvel sedã BMW Série 3 (316i) chega à cidade de Natal para revolucionar o segmento de veículos importados de luxo

Conforto e sofisticação Com interior requintado, o automóvel sedã médio BMW 316i oferece excelente espaço interno, permitindo acomodar, confortavelmente, cinco ocupantes. O porta-malas é amplo e funcional, com capacidade para 480 litros de bagagem. O revestimento de couro ecológico nos bancos, volante e painéis de portas, além do acabamento em alumínio, evidenciam a esportividade e sofisticação do novo integrante da tradicional e mundialmente respeitada família BMW.

Itens Como itens de conforto e con-

veniência, o BMW 316i disponibiliza ar-condicionado automático digital, volante multifuncional, CD player, entrada auxiliar e tela de 6,5 polegadas para reprodução das informações do sistema.

Tecnologia e performance O sedã BMW 316i é equipado com motor 1.6 quatro cilindros TwinPower Turbo, com injeção direta de combustível e transmissão automática de oito velocidades. Esse propulsor desenvolve 136 cavalos de potência entre 4.400 e 6.450 rotações por minuto e 220 Newton Metros de torque de 1.350 a 4.300 rotações por minuto e, em conjunto com o câmbio automá-

tico de oito velocidades e tração traseira, leva o BMW 316i de 0 a 100 quilômetros hora em 9,2 segundos e à velocidade máxima de 210 quilômetros por hora.

Destaque Um dos destaques do BMW 316i é o sistema “Driving Experience Control”, que inclui o modo ECO PRO. Quando ativado, esse recurso permite uma condução mais eficiente, visando a redução de consumo de combustível e, consequentemente, a emissão de gases, ainda mantendo um desempenho superior. Como itens de segurança, estão disponíveis freios a disco ventilados com ABS e controle ele-

trônico de tração e estabilidade.

O BMW Group O BMW Group é um dos fabricantes de automóveis e motocicletas mais bem sucedidos do globo terrestre, com as suas marcas BMW, MINI e Rolls-Royce. Como uma empresa de âmbito mundial, o BMW Group opera VINTE E OITO instalações de produção e montagem em TREZE países e conta, ainda, com uma rede global de comercialização em mais de CENTO E QUARENTA países.

Grupo: desempenho Em 2012, o BMW Group comercializou aproximadamente

A BMW do Brasil conta, na Capital do Estado do Rio Grande do Norte (Natal), com a SAEL, uma concessionária do Grupo do mesmo nome, com sede em Recife, Pernambuco. Trata-se de uma empresa focada em profissionalismo e atendimento “premium”, assegurados por profissionais rigorosamente selecionados pela empresa e treinados pela própria BMW. Suas instalações e equipamentos são de primeiro mundo, uma das características e exigências da própria montadora alemã que, segunda-feira, estará lançando a pedra fundamental de sua fábrica de automóveis no Brasil, no Estado de Santa Catarina. Uma decisão estratégica e corajosa, que demonstra as intenções daquela empresa em investir no País e se fixar definitivamente nele. Dirigida por Túlio Lúcio, executivo altamente capacitado, a SAEL BMW NATAL vem se destacando na cidade no segmento de comercialização de veículos de luxo e alto luxo, graças ao fantástico portfólio de produtos que a marca alemã disponibiliza (automóveis, motocicletas e o carismático MINI), além de suas aconchegantes, requintadas e modernas instalações, habitadas por funcionários muito simpáticos e atenciosos, que dão aos clientes e visitantes um atendimento primoroso e asseguram aos proprietários de veículos BMW um pósvenda invejável.

Com instalações modernas e altamente requintadas, a Sael, concessionária autorizada BMW em Natal, inspira confiança e certeza de atendimento diferenciado para os seus clientes


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Especulando AURINO ARAÚJO

Estórias do fusca (235) O cearense Fernando Tamurejo é representante para o Rio Grande do Norte da Belgo Bekaert Arames – antiga Belgo Mineira – hoje pertencente ao conglomerado ArcelorMittal, sediado em Luxemburgo.

autos & motores

G1 faz encontro entre a 1ª versão da Kombi e a última « COMPARATIVO » Sem poder ter ABS e airbag, modelo sairá de linha dia

31. Fórmula de simplicidade e robustez se manteve ao longo dos 63 anos FOTOS: DIVULGAÇÃO

N

Em 2001, Tamurejo reuniu condições para comprar seu primeiro automóvel e, como a maioria dos jovens de sua época, em início de carreira, optou por um Fusquinha usado, modelo 1979. Essa nova aquisição, elevouo naturalmente ao status de “bom partido” e logo o jovem Fernando arrumou uma namorada. Certa feita – a convite de um amigo e da namorada deste – o casal foi passar um fim de semana com os dois, mas, na viagem, ao transpor um “quebramolas”, o Fusca parou e num teve jeito de o fazerem “pegar”. Empurraram-no até a casa dos anfitriões, onde permaneceu à espera do conserto, prometido para o dia seguinte. Acontece que naqueles tempos de “vacas magras” o dinheiro era curto. E o Fusquinha foi ficando na casa dos amigos à espera da entrada de algum, no bisaco do Tamurejo. Foi ficando, foi ficando e foi ficando. Provavelmente incomodava, ocupando espaço. Mas, nosso amigo não conseguia a “verba” necessária à

sua recuperação cujo defeito ele nem mesmo sabia qual era... E carro encostado, é como casa desabitada. Logo aparecem “ocupantes” ávidos por espaços. Tanto oriundos da fauna, como da flora. Assim foi que, muito embora compreendendo a situação do amigo, o “hospedeiro” – já tendo decorrido tanto tempo desde aquele inconveniente “prego” – telefonou-lhe com um argumento que o fez passar por cima de todas as dificuldades e superar todas as barreiras que o impediam de retira-lo daquele providencial “abrigo”. É que tava nascendo uma planta num dos bancos do Fusquinha... TAVA NASCENDO UMA PLANTA, NUM DOS BANCOS DO FUSQUINHA... Foi uma demora tanta, Naquela casa encostado, Que, num canto inusitado, TAVA NASCENDO UMA PLANTA, Porém, o que mais espanta, É que a erva, daninha, Surgiu aonde não tinha, Estrume, terra ou adubo, Crescendo, em forma de bulbo, NUM DOS BANCOS DO FUSQUINHA...

o dia 8 de março de 1950, cruzava os portões da fábrica da VW em Wolfsburg, Alemanha, o 2ºmodelo da marca depois do Fusca, a Transporter, que nasceu nas versões Panelvan, Microbus e Kombinationsfahrzeug, “palavrão” que significa veículo de usos combinados, em alemão e que, no Brasil, virou “Kombi”. O G1 Globo, 63 anos depois, realiza um encontro inédito, que representa o começo dessa trajetória, à Last Edition, versão que se despede do Brasil. Sem condições de se adequar à lei que exige airbags e freios ABS em todos os carros produzidos a partir de 1º/1/2014, a Kombi será aposentada no dia 31, quando a última sairá da planta de S. Bernardo do Campo

Ressurgida das cinzas No Brasil, a história da “Kombi” começou no mesmo ano, quando o Grupo Brasmotor deu início à sua importação. Foi assim que o exemplar do colecionador Maurício Marx, uma 1950 Panelvan igual às primeiras fabricadas em Wolfsburg, desembarcou por aqui em novembro daquele ano. Em algum momento de sua vida, essa “Kombi” foi abandonada. E assim ficou por décadas, até que Marx a encontrou

Compare o modelo da VW Kombi 1950 com o atual, que está se despedindo do mercado brasileiro

numa favela de SP. Seu faro de colecionador identificou que se tratava de um raro modelo, e uma restauração completa foi realizada. Mas, de novo, o destino foi cruel e, no caminho para um encontro de carros antigos, a “Kombi” pegou fogo. “Não fosse tão rara eu não teria investido numa 2ª- restauração”, reflete Marx. As atualizações eram mensais nos primeiros anos, indo de medidas discretas e quase imperceptíveis, como relocação do cabo da embreagem, bateria reforçada, 3 filetes a mais nas en-

tradas de ar laterais, entre outras, a mudanças impactantes, como tamanho e disposição do logo da marca na tampa traseira, estilo das maçanetas, desenho dos faróis e lanternas, e acabamento interno. O processo de restauração é mais difícil. Internamente, a simplicidade faz os populares de hoje parecer carros de luxo. Velocímetro, volante, ignição e botão de partida, além de interruptores das setas, do farol e dos limpadores do para-brisa compunham os recursos para a utilização da “Kombi”. Forração nas portas, sistema de

ventilação ou um painel que escondesse a chapa frontal eram supérfluos que os alemães não podiam bancar naquele momento. Desempenho não era prioridade: o 1º- motor tinha 1.131 cm³ e rendia 25 cv que, à época, eram suficientes para carregar seus 990 kg e mais 760 kg de carga. Restaram somente 36 unidades iguais a essa, sendo que 5 ainda rodam no Brasil. Ou seja, quase nada sobrou das 5.662 Panelvans produzidas em 1950, de um total de 8.059, considerando as variações Microbus, Kombi e Pick-up.

Ford lança novo Mustang « MEMÓRIA » Carro esportivo da Ford está prestes a completar 50

anos. Será o primeiro Mustang a ser vendido na Europa e na Ásia

Q

uase 50 anos após lançar seu automóvel esportivo acessível, a Ford Motor Company revelou, dia CINCO, a nova geração do lendário MUSTANG, para tentar polir a imagem da montadora americana e impulsionar a comercialização de seus modelos mais caros. Importantes executivos da matriz da Ford Motor Company em Detroit, nos Estados Unidos, incluindo Alan Mulally, seu presidente-executivo, se “espalharam" por seis cidades para fazer o lançamento do Mustang modelo 2015, quinta-feira da semana passada. O fantástico automóvel ficará em exposição permanente em Dearborn, Michigan; Xangai, Sydney, Barcelona, Nova York e Los Angeles. Isso porque, agora, um dos carros esportivos mais cobiçados e carismáticos de toda a história do segmento automotivo mundial é um “modelo global”. Esse será o primeiro Mustang a ser vendido na Europa e na Ásia. A segunda maior montado-

O novo Mustang ficou belíssimo e, com certeza irá empolgar o mercado automotivo brasileiro

ra dos Estados Unidos espera que a maioria das vendas aconteça na América do Norte, mas a atmosfera de mistério desse automóvel deve fazer com que novos consumidores visitem os showrooms da Ford em outros mercados. Há

expectativa de que o novo Mustang também venha a ser importado oficialmente para o Brasil.A nova geração do Mustang incorpora elementos da identidade atual da Ford, como a grade em trapézio. E um impulso de compra-

DUAS RODAS: vem aí a moto BMW S 1000 R A BMW confirmou que a inédita S 1000 R, moto que fez estreia no Salão de Milão 2013, será vendida no Brasil. Segundo a empresa, a previsão é de começar as vendas ainda no primeiro semestre de 2014. O modelo é uma versão naked (sem carenagens) da esportiva S 1000 RR. Seu motor é um 4 cilindros de 999 cc, capaz de render 162 cv de potência a 11.000 rpm. O propulsor teve seu torque reforçado em baixas e médias rotações, para permitir que a moto tenha boa performance tanto na cidade quanto na estrada. O torque máximo é de 11,42 kgfm a 9.250 rpm. A moto é equipada com freio ABS de corrida e controle de estabilidade, além de possibilitar ao piloto escolher entre dois modos de condução. No visual, a S 1000 R mantém muitas das características da S 1000 RR, porém se destaca o novo farol na dianteira. O item de iluminação é assimétrico, como manda a tradição da empresa.

dores pode ajudar a montadora a aumentar a comercialização de seus outros modelos de alto desempenho, como o Focus ST, alavancando as margens de lucro e a imagem da marca, acreditam analistas.

RAFAEL MIOTTO


autos & motores

Circulando FERNANDO SIQUEIRA

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

3

Retomada do IPI de carros não será total, diz Mantega « IMPOSTO » Expectativa era que a partir de janeiro de 2014 o IPI

voltasse aos percentuais originais. A decisão indica preocupação

FOTOS: DIVULGAÇÃO

A O Land Rover Evoque brasileiro A unidade industrial da Land Rover no Brasil deverá ser localizada em Itatiaia, no Estado do Rio de Janeiro. Inicialmente, a montadora produzirá naquela fábrica dois modelos da linha Range Rover, topo de linha da marca, a saber: “Evoque” e a nova geração do “Freelander”. A inauguração da nova fábrica está prevista para o ano de 2015. O anúncio da implantação da unidade industrial estava previsto para o dia 3, mas teve de ser adiado. Esta é a segunda vez que a Land Rover investe na nacionalização de seus produtos. Entre 1998 e 2006, a marca montou em São Bernardo do Campo (SP) o jipe “Defender”.

Novas fábricas Outras montadoras de veículos de luxo anunciaram recentemente a nacionalização de seus produtos. A primeira foi a BMW, cuja “pedra fundamental” foi plantada dia 11, em Araquari (Santa Catarina). O início da produção do hatch Série 1 e do utilitário-esporti-

vo “X1” está previsto para 2014. Em 2015, a AUDI vai retomar suas operações em São José dos Pinhais (Paraná), onde fabricou automóveis até 2005. Serão produzidos naquela unidade que integra o Grupo Volkswagen, o sedã médio “A3”e o utilitário-esportivo “Q3”.

Final de produção do Uno Mille O Uno Mille deixará as linhas de montagem da Fiat, em Betim (MG), em março de 2014. Para celebrar o final de produção do “ícone” daquela montadora, que foi comercializado no Brasil durante 23 anos, será produzida uma série especial de despedida, denominada “Grazie Mille” (muito obrigado, em por-

tuguês). A “série” estará limitada a 2.000 unidades. O Uno Mille vai nos deixar porque não atende às novas regras de segurança no Brasil, que determina a obrigatoriedade de freios ABS e air bags nos veículos automotores fabricados a partir do segundo dia de janeiro de 2014.

Saab retoma produção A Saab reiniciou suas atividades em sua unidade industrial de Trollhättan, na Suécia. Na retomada, o primeiro automóvel a sair de suas linhas de montagem será o sedã Aero 9-3. A Sport Combi, sua versão “station wagon”, também será fabricada. Como é do conhecimento público, a Saab pediu falência e encerrou a produção de veículos em 2011, após o fim do casamento com uma montadora dos Estados Unidos. A retomada das atividades da empresa é uma iniciativa do National Electric Vehicle Sweden, consórcio formado por empresas chinesas e japone-

AUTO-SHOPPING

sas que, em 2012, comprou a Saab. A planejamento prevê o início da fabricação de automóveis da marca sueca na China.

redução da alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) que incide sobre automóveis terá de ser revista em janeiro de 2014, mas a retomada do imposto não será total, afirmou, dia 6, o ministro da Fazenda, Guido Mantega. "Teremos que rever em janeiro de 2014 o IPI dos automóveis, mas a recomposição do imposto certamente não será total", afirmou o ministro a jornalistas após evento do JPMorgan em São Paulo. Após promover forte redução no IPI para veículos automotivos com o objetivo de estimular a economia através do consumo, o governo decidiu a partir deste ano elevar gradualmente a alíquota do tributo diante da dificuldade de arrecadação de receita. Havia expectativa de que a partir de janeiro de 2014 o IPI voltasse aos percentuais originais, mas Mantega descartou essa possibilidade, dizendo que isso traria grande impacto ao setor automotivo. A decisão indica preocupação com um setor importante da economia no próximo ano, mas Mantega acredita que em 2014 a atividade econômica, de maneira geral, terá um desempenho superior a 2013, mesmo diante das turbulências pela redução dos estímulos do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos. O “FED” vem injetando

Os carros serão gravados com IPI menos agressivo em 2014, garante Mantega, ministro da Fazenda

mensalmente 85 bilhões de dólares na economia norte-americana, com um programa de compra de títulos da dívida. "A redução (dos estímulos dos Estados Unidos) acontecerá apenas no próximo ano. Não acredito que aconteça este ano ainda", disse Mantega. Por isso, Mantega acredita que o mais importante é a recuperação da maior economia do mundo, que contribuirá para elevar o desempenho da atividade brasileira. A produção de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus no Brasil bateu recorde histórico em 2013, mesmo ain-

da faltando um mês para o ano terminar. Segundo a Anfavea, de janeiro a novembro foram fabricados 3.500.000. "O crescimento deste ano (do Brasil) não é o que gostaríamos, mas é o possível", disse o ministro. Ele acrescentou que se a economia internacional melhorar no próximo ano, o Brasil terá um crescimento mais robusto. A economia brasileira teve no terceiro trimestre contração de 0,5% sobre o segundo trimestre, colocando em dúvida a possibilidade de o PIB (Produto Interno Bruto) expandir 2,5% este ano. Um dos fatores que vai con-

tribuir para o melhor desempenho da economia, segundo Mantega, é o câmbio mais favorável. "As empresas brasileiras poderão desfrutar de um câmbio mais favorável no ano que vem", disse o ministro da Fazenda, referindo-se às exportações. Alexandre Tombini, presidente do Banco Central Brasileiro, anunciou, dia 5, que estenderá o programa de intervenções diárias no câmbio, que vem ajudando a arrefecer a pressão de alta do dólar. Ainda assim, a moeda norte-americana acumula valorização de 15% este ano sobre o real.

Renault lança Duster especial « LIMITADA » Tech Road II marca as 100.000 unidades vendidas do

modelo. Motor é 2.0 16V, com câmbio automático. Preço: R$ 67.050,00

A

Renault do Brasil anunciou, dia 6, o lançamento da versão Tech Road II do Duster, que chega ao mercado nacional partindo de R$ 63.050,00. A série limitada marca as 100.000 unidades comercializadas do SUV (Utilitário Esportivo) desde sua estreia no mercado brasileiro, ocorrida em outubro do ano de 2011, e dá continuidade à Tech Road I, apresentada em setembro do ano passado e que teve 29.000 exemplares comercializados. Os diferenciais do Duster Tech Road II são grade frontal, barras no teto, entrada de ar do para-choque e puxador de abertura do porta-malas escurecidos, faróis com máscara negra e retrovisores e rodas (aro 16) na cor cinza, além de um adesivo nas laterais identificando a versão. De série, a versão especial traz direção hidráulica, ar condicionado, travas e vidros elétricos, sensor de estacionamento traseiro, Media Nav (tela de sete polegadas sensível ao toque que incorpora rádio, conexão bluetooth e GPS), ABS

O Renault Duster Tech Road II chega ao mercado brasileiro para ser um grande sucesso

e airbag duplo. Disponível apenas com motorização 2.0 16V de 142 cavalos de potência, o Duster Tech Road II tem preço fixado em R$

67.050,00 com câmbio automático e R$ 68.350,00 com tração 4x4. Este Caderno teve a oportunidade de testar o SUV (util-

itário-esportivo) Duster e constatar o seu elevado e inquestionável padrão de qualidade, aliado a um desempenho surpreendente.


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

autos & motores

Fiat Strada Adventure 3 portas

« ALAGAMENTO »

« DETALHE » Novo recurso melhora acesso à cabine dupla e exige reforço no chassi.

Base da pick-up, derivada do antigo Palio, é mantida, garantindo seu desempenho

A

novidade da linha 2014 da Fiat Strada é aadição de uma terceiraportaparaasversões cabine dupla do comercial leve mais vendido do Brasil e única picape a figurar na lista dos 10 carros mais emplacados no País. No mais, não há muitas alterações de impacto. Segundo a montadora, a linha 2014 traz 300 novos componentes. No entanto, a base, a mesma do antigo Palio, foi mantida, assim como o conjunto mecânico da linha 2013. A Strada 2014 ganhou alguns retoques no visual, com destaque para a traseira, com novo conjunto óptico, e caçamba 8 cm mais alta, o que aumenta a capacidade de carga.

Reforço no chassi Autos & Motores testou a versão top de linha da "pick-up", a Adventure 1.8 cabine dupla, que custa a partir de R$ 54.360,00. A opção com cabine estendida parte de R$ 49.480,00. A terceira porta na pick-up Strada é um recurso que tem apelo racional: melhorar o acesso dos ocupantes ao assento traseiro. Para isso, a Fiat decidiu retirar a coluna “B”, que fica no limite da porta dianteira, no lado direito, quando se olha de dentro do veículo. A Fiat afirma ter investido R$ 200 milhões em todo o projeto da linha 2014. Com a retirada da coluna central da Strada, foi preciso reforçar chassi e teto. “Foi mantida a total segurança presente na versão anterior”, afirma Lélio Ramos, diretor comercial da marca. Segundo a Fiat, foram realizados diversos testes de colisão. O recurso faz toda a diferença eevita contorcionismos para quem vai entrar no habitáculo traseiro da

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Strada. Outro detalhe é que a porta traseira só pode ser aberta quando a da frente também é aberta. Além disso, a mesma maçaneta, localizada na extremidadeinterna da porta, pode ser utilizada por quem está na frente ou atrás. Não é a escolha mais prática possível, mas tem sua lógica, pois mantém a lateral com visual mais limpo e obriga sempre a porta da frente a estar aberta, aumentando o espaço para a entrada no veículo.

Desempenho é o mesmo Em todas as versões, a Fiat manteve o mesmo conjunto motor, câmbio e suspensões da Strada.NaAdventure,opropulsormais potente, 1.8 de 132 cv e 18,9 kgfm de torque - com etanol -, garante força necessária para o transporte de carga e para manter boa velocidade de cruzeiro. O deslocamento de 50 km ocorreu em estrada de asfalto na região de Comandatuba (BA). Em parte do percurso, a Strada Adventure cabine dupla, 3 portas, atingiu velocidade máxima de 179 km/h e fez de 0 a 100 km/h em 10,6 segundos, com pequenas variações para cima ou para baixo, dependendo da combinação de gasolina e álcool. Por se tratar de uma versão topo de linha, o isolamento acústico do interior da Strada Adventure podia ser um pouco melhor, pois muito do som do atrito dos pneus com o solo chega à cabine. O câmbio do modelo avaliado era o manual de cinco marchas, que apresentou engates precisos. A marca disponibiliza como opcional para a Adventure a transmissão automatizada Dualogic, fazendo o preço subir em R$ 2.650,00. A suspensão, também a mesma da ver-

A Strada cabine dupla, 3 portas, respondeu bem às solicitações que este Caderno fez durante o teste

são anterior, se mostrou estável em curvas mais rápidas no asfalto, quando estava sem carga na caçamba. Carregada, a picape fica ainda mais interessante.

Opcionais Internamente, a Adventure segue um carro simples, apesar de ter recebido algumas alterações, como um volante mais encorpado que o da configuração de entrada, Working, e também presente na Trekking, e acabamentos em couro nas laterais das portas. Grande parte dos itens são opcionais, como volante de couro com comandos de rádio (R$ 372,00) e os bancos revestidos parcialmente com couro bicolor (R$ 2.092,00).

OutroopcionaléosistemaLocker, que ajuda a tirar o carro de algumas enrascadas em terreno acidentado. Custando R$ 1.562,00 o dispositivo, que estava presente na Strada anterior, pode ser acionado por um botão no painel. Caso alguma das rodas perca contato com o solo, o que levaria toda a força para o pneu que está livre, o diferencial blocante direciona metade da força para cada roda na dianteira, fazendo a Strada ter a tração necessária para “desencalhar”. Durante a apresentação, este“CADERNO” tambémrodou com o carro em uma pista de testes off-road, onde ficou comprovada a eficácia do sistema. O dispositivo é muito interessante.

Para o início de 2014, a Fiat também disponibilizará um inédito teto solar para a Adventure, ainda sem preço definido.

Mix de vendas Segundo a Fiat, a nova Strada 3 portas deverá ser responsável por 50% das vendas da sua linha de pick-ups. Na sequência, a cabine simples representará 30% do mix e a estendida, 20%. Separando por configuração, amaisutilitáriaemaisbarata,Working, terá 55% das vendas, seguidaporAdventure(35%)eTrekking (10%), prevê a montadora. Aexpectativadaempresaéemplacar de 11.000 a 12.000 unidades da Strada por mês.

Especialista em carros dá dicas como atravessá-lo

D

urante o período chuvoso é comum encontrar ruas alagadas em algumas cidades do Brasil. Tentar atravessar esses trechos pode causar prejuízo, notadamente ao proprietário de veículo de pequeno porte. O empresário Luzardo Flor, especialista em carros off road, diretor de um clube de jipes de Natal e “expert” em trilhas, dá algumas dicas sobre o que fazer nessas situações. “O ideal é não passar em ruas com alagamento, mas se o motorista for pego de surpresa ou tiver algum compromisso importante na hora da chuva, existem algumas medidas que podem ser tomadas para evitar prejuízos”, adverte Luzardo. Segundo L. Flor, em carros menores, o duto que capta o ar que vai para o motor fica localizado em uma parte baixa. Se esse duto for coberto pela água, ele pode sugála para dentro do motor e causar o chamado “calço hidráulico”. O calço hidráulico acontece quando a água preenche os cilindros e impede que o motor gire. Esse tipo de problema pode causar torção das peças internas e até fundir o motor. Em consequência, é preciso procurar a parte mais rasa da rua. Luzardo lembra, que olhar para o meio-fio é uma boa maneira de medir qual o nível do alagamento.

Atravesse devagar Luzardo Flor lembra, ainda, que o motorista deve sempre evitar que a água chegue perto do filtro de ar do veículo. Se o motorista acelerar o carro, a água pode cair sobre o motor e acabar causando o

« ESTOQUES » É necessário ter cuidado ao atravessar trecho alagado como o que se forma em algumas ruas de Natal. Escolha o lado mais raso do local”

Lojas de carros antigos têm marcas variadas Ofertas vão de Fusca a Rolls-Royce, passando por Porsche e Fiat 500

H

á cerca de quatro meses, São Paulo ganhou mais uma loja de carros antigos. Seriaapenasmaisum“showroom” entre milhares que embaralham o panorama da cidade e que passam despercebidos não fossem seus integrantes. Há de tudo: Porsche, Rolls-Royce, Ford, Fiat, BMW, Mini etc. Uma singularidade: há modelos como o 911 Targa, que não é zero km, e sim ano 1974; o Fiat Cinquecento azul produzido em 1968 entre outras estrelas. O Universo Marx Mille Duke, nobairrodeMoema,engrossauma lista que tende a acompanhar o atual momento de ascensão do chamado antigomobilismo. Até então redutos de aficionados e muitas vezes confundidas com meras oficinas, as lojas de automóveis antigos atualmente se aproximam do conceito das concessionárias convencionais, seja no visual mais sofisticado, no atendimento ou nos serviços oferecidos. Num espaço de pouco mais de 200 m², a loja acomoda aproximadamente 15 carros e 10 motos, volumes que podem variar conforme o tamanho dos carros, além de um estoque que pode ir de 30 a 70 unidades.Nosite,querespondepor 50%dasDEZvendasmensais,mais 100 unidades aproximadamente são ofertadas. Um dos sócios da empresa, MaurícioMarx,citaopós-vendacomo um dos diferenciais da loja. “Não está nos planos fazer manutenção pela demanda, que é reduzida. A mão de obra é muito específica,enãodáparamontarumaestrutura para cada marca ou modelo.Ouseja,ummecânicodealtopa-

drão para modelos da Porsche, outro para os Bentley, outro para Aston Martin e assim por diante, é muito caro e quase impossível de manter”, explica. “Mas temos tapeceiro, funileiro e eletricista certos para cada tipo de serviço e tamanho do bolso”, garante Marx. A loja também não financia, mas estáembuscadeparceirosparacomprasparceladas.Oempresárioainda destaca que o perfil da loja, “onde se encontram amigos, sem a pressão da venda”, permite uma proximidade com os clientes, e assim uma “consultoria” sobre como viver a experiência de ter um clássico na garagem.

De Fusca a Rolls-Royce

Carros antigos e “memorabilia” são ofertados na San Diego, numa das lojas de São Paulo

No ramo desde 1999, Marx entende que não há mais tantas diferenças entre as lojas brasileiras e as norte-americanas e europeias. “A qualidade dos carros se equipara. Mas há automóveis mais raros lá fora, além da quantidade, que é muito maior”, explica. O tipo de consumidor também é similar: “recebemos todos os perfis aqui, desde o colecionador, passando pelo investidor, até o comprador sem muitos recursos, que está adquirindo seu primeiro clássico e entrando agora para o antigomobilismo”, analisa. Tão amplo quanto o perfil do comprador é sua faixa etária que, segundo o proprietário, varia de 23 a 70 anos. O mesmo tipo de público recebe a San Diego Motors. “Nosso cliente é o profissional bem-sucedido, acima de 25 anos, sendo os homensde40a50anososquemais compram”, avalia o proprietário Murillo Cerchiari. Na visão de ambos, um dos principais entraves para a compra de um automóvel clássico é o medo de usá-lo. “Temos que acabar comavisãodequecarroantigoquebra. Carro antigo quebra senão an-

dar.Tenhoclientequecomprouum FuscatendoumLandRoverblindado, e o carro do rodízio acabou virando o Land Rover, e não o Fusca. Se antigamente esses carros eram os novos e confiáveis, por que não hoje, que existem peças de reposição e que podem melhorar o consumo e reduzir o desgaste?”, questiona Marx. Outro “problema” para quem pensanumcarroantigo–geralmente um supérfluo – pode ser o ciúme da esposa, diz o empresário. “Ele é umcompetidor,vistoqueemalguns casos a entrega do homem é maior pelo carro do que pela mulher. A regra básica é: comprou um carro aqui tem que ir direto para primeira joalheria comprar um presente para ela”, brinca Marx. O mesmo obstáculo enfrenta Cerchiari com seus clientes: “Muitas vezes o cara namora o carro por muitotempo,masacabadesistindo por medo da mulher. Ou, quando vaiemfrenteerealizaosonho,mente em relação ao valor, alegando um preço bem inferior ao que realmente desembolsou”, conta.

Imposto: 180% Além do medo de quebrar e de um potencial divórcio, outro receio dequem coleciona (ou pretendecomeçar uma coleção) de automóveis clássicos, são os impostos, que podem chegar a 180% sobre o valor do veículo, lamenta Cerchiari. “O programaInovarAuto(conjuntode regrasdogovernoparamontadoras eimportadoras)interferiutambém sobre os antigos. Como o IPI (Imposto sobre produtos industrializados) é calculado baseado na cilindrada do motor, os impostos podem chegar a quase o triplo do preço do carro, visto que a maioria esmagadoradosantigosédealtacilindrada.SomeaopreçofinalmaisUS$ 11 mil de frete e documentação”, explica. No segundo ano de vida e com 150veículosimportadosnocurrículo, entre eles um Corvette Pace Car de 1978 com apenas 650 km rodados, a San Diego, na Vila Leopoldina, aposta numa abordagem diferenciada. Clássicos nacionais e importados dividem espaço com um bar e um bom acervo de peças e mo-

temido “calço hidráulico”. É preciso, pois, engatar a 1ª marcha e não trocar marchas antes de terminar a travessia, que deve ser feita em velocidade baixa e constante. As pick-ups não enfrentam esse tipo de dificuldade, pois são preparadas para atravessar trechos com água. Mesmo assim, o recomendado é que o motorista desses veículos evite correr. Com essa providência, a água não cobre outros carros, situação que poderia até provocar um acidente.

bília antiga (foto).

Tenha paciência Em 10 prestações Assim como o proprietário da Universo Marx, Mille Duke, Cerchiari enxerga o antigomobilismo comoumdosmelhoresinvestimentos atualmente. Prova disso é um Dodge Charger R/T 1977. "Se me oferecessem esse carro há cinco ou seis anos por R$ 5 mil, eu acharia muito caro e não compraria. Hoje, eu vendo esse por R$ 85 mil. E, se tivessedezdele,venderiaosdez",explica.Ovaloréalto,masentreosserviços oferecidos pela San Diego está o financiamento em até 10 vezes. Troca, importação e consignação, são outros benefícios. Outro detalhe entre as lojas de carros antigos é a oferta de produtos, sempre focada em carros com 30 anos ou mais. Valesalientar,queainternetajuda muito às pessoas que procuram ou que desejam mostrar o que têm. A realidade é que ainda tem muita coisa guardada e/ou escondida. O fato é que o comércio de carros antigos nunca vai acabar.

Para Luzardo Flor, paciência é fundamental na hora de atravessar um trecho alagado. Ele adverte que é preciso evitar medidas desesperadas, pois elas podem causar prejuízo. “Não adianta o motorista ficar afoito e querer passar por onde uma pick-up passa. Ele vai se dar mal”, explica. E se o motor desligar no meio do alagamento? Luzardo explica, que se o motor do carro parar de funcionar no meio do alagamento, não se deve tentar ligá-lo novamente. “Se o carro apagou é por que entrou água no motor. Se o motorista tentar dar partida, o motor vai sugar mais água e piorar a situação”, argumenta. Nesse caso, a única coisa a fazer é ligar o pisca-alerta para sinalizar que o veículo está com problema e rebocá-lo até uma oficina. “Na oficina, os mecânicos vão tirar a água que entrou no motor e verificar se alguma peça estragou”, complementa o empresário.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

autos & motores

5

Mais uma fábrica da Honda no Brasil « 2ª UNIDADE » Pedra fundamental de mais uma unidade industrial da Honda foi lançada dia 26 de

novembro. Operações começam em 2015. A Honda vai investir R$ 1 bilhão na fábrica e gerar 2.000 empregos FOTOS: DIVULGAÇÃO

E

stá confirmado, a nova geração do FIT será produzida na segunda fábrica da Honda no Brasil, que teve a “pedra fundamental” lançada dia 26 de novembro em Itirapina (SP), cidade que fica a 210 km da capital paulista. O evento contou com a presença de Geraldo Alckmin, governador do Estado de São Paulo; de Takanobu Ito, presidente e CEO da Honda Motor, e de Masahiro Takedagawa, presidente da Honda South America. Com investimento de R$ 1 bilhão e geração de 2 mil empregos, a unidade iniciará as operações no segundo semestre de 2015. O modelo atualizado, entretanto, apresentado em julho no Japão, chega ao Brasil no próximo ano e inicialmente será feito em Sumaré (SP). “Assim que inaugurarmos a nova fábrica, o veículo passará a ser produzido também na cidade. Agora transferir totalmente a produção irá depender muito da demanda”, disse Carlos Eigi, diretor executivo da Honda, durante coletiva de imprensa, dia 26 do mês passado.

Produção O objetivo da Honda é dobrar sua capacidade produtiva atual no Brasil, de 120 mil para 240 mil unidades ano. Projeta, também, aumentar a produção de compactos da mesma categoria do FIT e o nível de nacionalização.

A chegada da Honda vai refletir em toda a região. “A demanda vai atingir um raio de 40 quilômetros, então São Carlos e Rio Claro também serão beneficiadas, por isso que a mão de obra qualificada é muito importante nesse momento", avaliou Zé Maria, prefeito de Itirapina (SP), que requereu ao governador Alckmin a implantação de uma Escola Técnica Estadual (Etec) na cidade, a fim de suprir a demanda que será gerada com a construção da fábrica de automóveis da Honda.

Encontro com Dilma

O lançamento da “pedra fundamental” da nova fábrica da Honda no Brasil contou a presença do governador Geraldo Alckmin

Um dos modelos esperados para o País é a versão SUV do Fit, apresentada como Vezel em novembro, no Salão de Tóquio. Com isso, afirmou Carlos Eigi, a Honda pretende nacionalizar componentes utilizados na produção que ainda são importa-

dos. “Compramos muitos itens porque avaliamos custos e qualidade, mas devemos gradativamente aumentar o número de fornecedores”, concluiu Eigi. Carlos frisou que a nova fábrica contará com a mais alta tecnologia em automação e seguirá os

mais rigorosos padrões ambientais em seus processos produtivos de estamparia, solda, pintura, montagem e inspeção final. Combinada a outras ações, a tecnologia proporcionará a redução de até 60% na emissão de compostos voláteis orgânicos (COV's).

Organização e entrega de peças trocadas indicam bom mecânico Denis Marum mostra como escolher um profissional de confiança. Ter histórico de serviços é fundamental

Escolher um bom mecânico de automóvel não é tarefa fácil. Na verdade, quanto menos entendemos do assunto, maior é a insegurança, e a falta de conhecimento costuma gerar dúvidas e desconfianças. Veja algumas “dicas” que ajudarão a encontrá-lo:

Aponte o defeito Numa boa oficina, quando o cliente reclama de algum barulho no carro, imediatamente o mecânico pega o veículo e, em companhia o cliente, dá uma volta para que este mostre exatamente qual é o barulho e em que situação ele se apresenta. Há mecânico que fala: "deixa aí que depois eu vejo". Isso é péssimo sinal. O mecânico tem que identificar exatamente do que o cliente reclama e, depois que efetuar os reparos, ele deve andar com o carro novamente, criando a mesma situação para ter a certeza de que o problema foi resolvido. Por outro lado, há cliente que é preguiçoso: quer largar o carro na oficina e o mecânico que se vire. Crie uma relação trasparente Se você quer honestidade, seja honesto. Muitos donos de carro dão sinais de desconfiança do mecânico assim que põem o pé na oficina. Frases como "dê só uma olhada, pois vou vender o carro". "Estou sem dinheiro". "O problema é limpeza dos bicos". Essa postura demonstra confiança no trabalho do profissional. Não pré-julgue: maus profissionais existem em todos os segmentos. Demonstre confiança no conhecimento dele e, depois que o orçamento estiver pronto, solicite as explicações necessárias. O mecânico

« FÁBRICA »

Jaguar Land Rover confirma fábrica em Itatiaia, Rio A Jaguar Land Rover e o Governo do Rio assinaram, dia 5, memorando de intenções

Organização é fundamental Entrar em uma oficina e se surpreender com ferramentas organizadas, limpeza, capas de banco e para-lamas, local específico para a sucata e tambores para coleta de óleo queimado: é tudo de bom. Não são necessários exageros como mecânicos com uniformes brancos, basta que os uniformes estejam limpos. Esses profissionais devem estar focados no diagnóstico e na execução dos serviços. Verifique também se há algum espaço diferenciado, um local muito limpo e bem iluminado para execução de serviços mais melindrosos como desmontagem de um câmbio ou análise de um circuito eletrônico. Histórico de manutenção É fundamental ter o histórico dos serviços realizados em cada carro. A oficina que possui o controle sobre as manutenções do carro do cliente, saberá rapidamente dizer do que o mesmo precisa, além de evitar gastos desnecessários. Ela terá condições de alertá-lo sobre as necessidades futuras de manutenção, como por exemplo, avisá-lo sobre a hora da troca de óleo ou substituição de uma correia dentada. Não fique trocando de mecânico sem grandes motivos.

O investimento de R$ 1 bilhão na nova fábrica inclui a compra de equipamentos, a construção das instalações e a aquisição de um terreno de 5,8 milhões de metros quadrados, superior ao de 1,7 milhão de metros quadrados da fábrica em Sumaré (SP).

E

percebe quando o cliente possui conhecimento e quer colaborar para resolver o problema, diferente do sujeito que apenas quer mostrar conhecimento. É preciso ser especializado Se uma pessoa monta uma oficina especializada em determinada marca de automóvel, quer dizer que tem um compromisso com a qualidade dos serviços que presta. Há grandes chances de executar um bom serviço. Investigue se ele possui scanner (aparelho de diagnóstico) apropriado para seu carro: ter as ferramentas certas é meio caminho para um serviço de qualidade. Na concessionária autorizada Garantias estendidas e pacotes de revisões devem ser acompanhados com atenção. Aqui cabe uma famosa frase: “quando a esmola é grande, o santo desconfia”. Se na primeira revisão oferecerem serviços extras, não cobertos pela garantia, como limpeza dos bicos, cristalização de pintura, cambagem, é de bom tom solicitar uma segunda avaliação. Não esqueça: você não precisa fazer a revisão na mesma concessionária em que comprou o carro; se não estiver satisfeito, procure outra no manual do proprietário. Pneus: cuidado na troca Entrar em uma loja de pneus e conseguir apenas trocar os pneus, alinhar e balancear as rodas nem sempre é uma tarefa fácil. Não generalize, mas algumas redes comissionam seus atendentes através da venda de peças de

suspensão como, amortecedores, molas, pivôs, terminais que nem sempre são necessários e acabam por tirar um bom dinheiro do proprietário. Algumas lojas chegam a intimidar seus clientes no sentido de que, se não fizerem os reparos extras, não terão direito à garantia dos pneus. Fato que não exclui a possibilidade de que seu carro realmente necessite dos tais reparos: um pivô estourado ou um amortecedor sem ação, realmente diminuirá a vida útil dos pneus. Na dúvida, faça uma consulta a outro mecânico. Se o orçamento da suspensão for menor, mostre o orçamento na loja de pneus e discuta a real necessidade do seu carro. A boa oficina devolve as peças substituídas Quando a oficina coloca as peças substituídas no porta-malas do seu carro sem você pedir, ela está demonstrando que efetivamente realizou o serviço e que, se você não estiver satisfeito com aquela decisão, poderá levar a peça substituída para outro profissional atestar não a necessidade de troca. Peças de 2ª- mão ou recondicionadas Com o orçamento em mãos questione a origem das peças a serem substituídas, elas podem ser originais da fábrica; da mesma montadora, porém oriunda do mercado de reposição; do mercado paralelo, segunda linha, ou peças recondicionadas. Você deve estar querendo saber qual a sugestão. Pois bem, existem peças

boas e ruins nos quatro segmentos. O problema é que todo bom brasileiro tem aquela esperança de fazer o "negócio da China" e, infelizmente, acaba escolhendo pelo preço. A sugestão é delegar a escolha para o seu mecânico. Ninguém melhor do que ele para avaliar a qualidade. Além de ter a experiência com os diversos fornecedores, se por acaso a nova peça estiver defeituosa, é ele que terá que trabalhar gratuitamente para substituí-la. Uma coisa é certa: não economize com os freios e pneus, por razões óbvias. A experiência dos outros Consulte os “sites” de reclamações: digite o nome da oficina, da concessionária ou da montadora e perceba como administram as insatisfações de seus clientes. Coloque-se numa posição neutra: tem motorista que procura obter algum tipo de vantagem e pleiteia até garantia de roda amassada. Em outros casos, você perceberá o total desprezo da empresa pelo problema do reclamante. Tirando essas exceções, note que algumas empresas simplesmente colocam uma resposta padrão, outras ganham tempo dizendo que estão verificando o caso. Por incrível que pareça, tem montadora que não dá a menor satisfação. Nesse caso, você não deve nem passar na porta. Perceba que alguns maus atendimentos não são privilégios de quem atende a carros populares: há concessionária de luxo que deixa o automóvel do cliente na mão com apenas 100 quilômetros rodados.

No dia 25 de novembro, o Sr. Takanobu Ito, presidente mundial da Honda, se reuniu com a Sra. Dilma Rouseff, presidente da República, em Brasília. Segundo ele, o encontro serviu para agradecer a oportunidade pelo trabalho que o grupo desenvolve no País. “Não fizemos nenhuma solicitação, apenas falamos sobre a implantação da pedra fundamental da nova fábrica e o que isso nos alegrava, visto que é algo muito importante para todo o grupo Honda dentro e fora do Brasil”, explicou Takanobu. Takanobu Ito ressaltou que a Honda atua no País há 42 anos, na produção de motocicletas e que o empenho de japoneses e brasileiros para garantir a qualidade tem sido fundamental no sucesso da parceria.

stá confirmado, a Jaguar Land Rover irá investir R$ 750 milhões no projeto de uma nova fábrica de automóveis. Será em Itatiaia (RJ) e terá capacidade para produzir 24 mil veículos por ano. O projeto deverá gerar, inicialmente, 400 empregos diretos e diversos outros indiretos, dentro da rede de fornecedores. Os primeiros veículos deverão sair das linhas de produção em 2016. A Jaguar Land Rover será a primeira fabricante britânica de automóveis a abrir uma fábrica no Brasil, graças ao acordo assinado recentemente entre os executivos da empresa e autoridades do Estado do Rio de Janeiro. Um memorando de intenções que confirma os planos de construção da nova fábrica foi assinado dia 5 pelo Diretor Global de Estratégia e Desenvolvimento da Jaguar Land Rover Phil Hodkinson, pelo presidente da Jaguar Land Rover para a América Latina e Caribe, Flávio Padovan e pelo Governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral. Os planos da Jaguar Land Rover de se instalar com uma fábrica no Brasil se consolidam como mais um grande passo da empresa em sua estratégia de crescimento global, que inclui o aumento da capacidade de produção de seus veículos em todo o mundo. A nova fábrica no País irá atender a uma crescente demanda de clientes no Brasil e em toda a América do Sul. Para o CEO da Jaguar Land Rover, Dr. Ralf Speth, “o Brasil e os demais países da região são de grande importância. Eles possuem um volume de clientes que, cada vez mais, estão em busca de produtos “Premium” de alta ca-

pacidade. O novo projeto deverá permitir à Jaguar Land Rover, oferecer novos produtos a esses clientes. Os veículos que serão produzidos são dotados do que existe de melhor em relação ao design e engenharia tipicamente britânicos, fabricados por uma unidade de padrão global que incorpora toda a liderança da nossa empresa em termos de tecnologia de produção”, afirma o CEO global da Jaguar Land Rover, Dr. Ralf Speth. “Nós estabelecemos um excelente relacionamento de trabalho com o Estado do Rio de Janeiro, com a cidade de Itatiaia e com a Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro e estamos ansiosos para atrair ainda mais clientes neste tão importante mercado para nossas marcas”, complementa Dr. Ralf Speth. Com sede na cidade de Itatiaia, a nova fábrica vai receber um investimento de R$ 750 milhões até o ano de 2020. O início das obras se dará em meados de 2014 e a expectativa da Jaguar Land Rover é que a produção se inicie em 2016, em conformidade com a etapa final do programa Inovar-auto, implementado pelo Governo Federal. A nova unidade deverá ter capacidade de produção de 24 mil veículos por ano. Inicialmente, a unidade industrial irá gerar 400 empregos diretos, número que deverá dobrar ao final desta década. O projeto vai gerar, também, inúmeros empregos indiretos por meio da rede de fornecedores que deverá suportar a produção. Após um minucioso e detalhado estudo, a Jaguar Land Rover optou pelo Estado do Rio de Janeiro e pela cidade de Itatiaia, próxima ao centro de um novo e emergente polo automotivo que está se formando, por suas facilidades em termos de logística, pelo fácil acesso a uma rede de fornecedores e pela sua excelente força de trabalho.


6

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

autos & motores


PROGRAME-SE

Série "Beauty and The Beast" será reformulada PÁGINA 4

COLUNA QQCOISA

HOJE NA TV

A segunda parte da “Conversação com Boris Schnaiderman” PÁGINA 4

Globo Repórter mostra a dura jornada de quem não tem planos de saúde. PÁGINA 2

XV SALÃO DE ARTES VISUAIS DE NATAL SERÁ ABERTO HOJE NA GALERIA DA FUNCARTE • PÁGINA 3

BLOG DO IVVER

Nova edição da revista Grande Ponto relembra a Natal de 1912 tribunadonorte.com.br/blogdoviver

viver Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013 ALINE ARRUDA

Editora: Cinthia Lopes[cadernoviver@tribunadonorte.com.br]

A grande virada de

Evento que surgiu em torno de um dos mais ricos polos de cinema do Brasil, o Paulínia Film Festival-SP está em passo de retomada com a realização de sua 5ª edição neste finalzinho de 2013. A TRIBUNA DO NORTE acompanha a edição que antecipa as ações para o grande Festival 2014, confirmado para julho

ALINE ARRUDA

Paulínia

O QUE

Encontro entre gerações: Héctor Babenco e Cláudio Assis ALINE ARRUDA

YUNO SILVA* De Paulínia-SP

R

etomada. Em Paulínia, cidade do interior paulista, não se fala em outra coisa durante a quinta edição do festival de cinema. A palavra está tão em alta que está no subtítulo do evento, e faz referência direta ao retorno das atividades do festival e os planos para reativar o polo de produção cinematográfica que existe no município – por sinal, o maior e mais estruturado do país. A abertura ocorreu nesta quarta-feira (11) no suntuoso Theatro Municipal de Paulínia Paulo Gracindo, com exibição do filme “Confia em mim”, de Michel Tikhomiroff, o único longa inédito da enxuta programação planejada para este ano. As sessões, todas gratuitas, seguem até sábado (14), e até lá ainda estão agendados workshops, debates e mostra infantojuvenil. Como de praxe, antes da primeira sessão, as formalidades da cerimônia de abertura conduzida pelo ator Henri Castelli e pelo crítico Rubens Ewald Filho – este último um dos principais entusiastas da criação do polo de cinema em Paulínia. A solenidade foi prestigiada por profissionais da área, artistas e gestores públicos. Entre os presentes os cineastas Héctor Babenco (“Carandiru” e “O Beijo da Mulher-Aranha”) e Cláudio Assis (“Amarelo Manga” e “Febre do Rato”), a apresentadora Marina Person, o ator Murilo Rosa e a atriz Fernanda Machado – protagonista do filme “Confia em mim” e no ar como a Leila da novela “Amor à Vida” da TV Globo. Aliás, por se tratar da avant

premiére do filme, o diretor Michel Tikhomiroff, boa parte do elenco e da equipe estavam na abertura do evento. “Confia em mim”, cuja estreia no circuito comercial está prevista para março de 2014, foi totalmente rodado em Paulínia; assim como outros mais de 40 filmes, entre eles “O Palhaço”, “De Pernas Pro Ar”, “O Homem do Futuro”, “Chico Xavier”, “Bruna Surfistinha” e “Colegas”. Apesar do pouco tempo de estrada, o festival de Paulínia – cidade distante 120 km de São Paulo e conhecida como polo petroquímico – figura entre os principais eventos do gênero no Brasil por dois motivos básicos: a existência do polo cinematográfico e a desejada premiação em dinheiro, que em 2011 chegou a R$ 800 mil – R$ 250 mil para o Melhor Filme. Este ano, excepcionalmente, não haverá mostras de caráter competitivo. Em 2012, um imbróglio político digno dos dramalhões mexicanos de tão enrolado provocou a “pausa” forçada. Inaugurado em 2009, o complexo cinematográfico da cidade começou a sair do papel ainda na década de 1990 e desde então já consumiu mais de R$ 500 milhões em investimentos (recursos oriundos dos royalties do petróleo). Foram construídos quatro estúdios (o maior deles tem 1,2 mil metros quadrados), a Escola Magia do Cinema para formação técnica e o próprio teatro municipal.

Cineasta Toni Venturi lê manifesto para o festival DU AMORIM

Diretor Michel Tikhomiroff e elenco de “Confia em mim” DU AMORIM

Manifesto de apoio Como forma de evitar a descontinuidade do festival ou a paralisação do polo de cinema, Mônica Trigo, secretária de Cultura de Paulínia, informou que o plano “é

ì

Theatro Municipal Paulo Gracindo integra o polo

O Paulínia Film Festival chega a sua quinta edição em clima de retomada, após passar 2012 em branco após questões políticas. Na lista dos principais eventos do gênero no país, sua premiação em dinheiro está entre os grandes atrativos: o Melhor Filme recebe um prêmio de R$ 250 mil. A edição 2014 deve voltar a ser realizada no mês de julho e terá abrangência internacional

tornar o projeto uma política de Estado e não de Governo”. Ela ressaltou a adesão do município ao Sistema Nacional de Cultura e a criação do Conselho Municipal de Cultura. “Pagamos editais atrasados (2009 e 2010) e já trabalhamos nas diretrizes para lançar novos editais em 2014”, adiantou Mônica. Durante a solenidade de abertura, ela recebeu das mãos do cineastaToniVenturi(“EstamosJuntos”, 2011) um manifesto de apoio ao festival e ao polo assinado por diversas entidades e 244 pessoas ligadas ao cinema brasileiro como Babenco e o diretor Fernando Meirelles. “É inaceitável a interrupção de projetos culturais consolidados por questões políticas”, reforçou Héctor Babenco em conversa informal no foyer do teatro. Ele também criticou a debandada de políticos antes do início da sessão. Ainda durante a solenidade de abertura, Carlos Eduardo Bonini, representante da Ancine, comemorou a retomada e disse que espera “que outras cidades sigam o exemplo de conciliar desenvolvimento do audiovisual com crescimento econômico”. A meta da Prefeitura é criar alternativas à indústria petroquímica: “O cinema é infinito, diferente do petróleo, e só depende de ideias e criatividade”, disse o prefeito Edson Moura Júnior, prometendo a

construção de mais estúdios, cidade cenográfica, academia de arte e escolas de animação.

Golpes e derrapadas O roteiro de “Confia em mim” é simples, e resulta em um filme de altos e baixos: soluções criativas fazem contraponto com momentos de tramas novelescas. O filme, inspirado em um caso real, transita entre o drama e o suspense. Na tela Mateus Solano faz o vilão Caio, um canastrão metido a gigolô que ganha a vida dando golpes em mulheres inseguras e carentes como a chef de cozinha Mariana (Fernanda Machado). Os dois se conhecem durante uma degustação de vinhos, e logo engatam um romance. Acreditando ser o homem perfeito, sua alma gêmea, Mariana, desacreditada por seu chefe no restaurante onde trabalha, é encorajada pelo namorado a abrir o próprio negócio. Ela confia todo o dinheiro que conseguiu juntar nas mãos do golpista, que desaparece. A partir de então é desencadeada uma caçada, com direito a indiferença policial e agentes bem intencionados que trabalham à revelia do delegado. É justamente nessa fase do filme que se concentram as derrapadas no roteiro. Vale ressaltar que “Confia em mim”, de Michel Tikhomiroff, foi rodado em 2011 em Paulínia, antes de Mateus Solano viver o vilão Félix na novela “Amor à Vida” da TV Globo, então qualquer semelhança é mera coincidência (ou não!?). Ontem, segunda noite do festival, foi exibido o drama “Entre Vales”, do diretor Philippe Barcinski, com Ângelo Antônio no papel principal; e hoje será a vez do denso “O lobo atrás da porta”, de Fernando Coimbra, com Leandra Leal e Milhem Cortaz (de “Tropa de Elite”) ganhar a telona em Paulínia – ambos fizeram parte da programação da Mostra de Cinema de Gostoso, que aconteceu em novembro na famosa praia do litoral Norte do RN. *O REPÓRTER DO VIVER VIAJOU A CONVITE DO PAULÍNIA FILM FESTIVAL


:

O 3

S

.

2

viver

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

« CANAL ZAP »

FLÁVIA CIRINO E-MAIL PARA ESTA COLUNA: CANALZAP@CARTAZNOTICIAS.COM.BR PEDRO PAULO FIGUEIREDO/CZN

Crise no relacionamento

Sonho antigo

Os diversos especiais de fim de ano da Record estão mexendo com o banco de elenco da emissora. De folga da tevê desde ‘’Vidas em Jogo”, Guilherme Berenguer foi convidado pelo canal para participar do especial “Casamento Blindado”, uma adaptação do ‘’best-seller’’ homônimo de Renato e Cristiane Cardoso. “O texto da produção é muito inteligente e são situações que boa parte dos casais irão se identificar”, valoriza. Na história escrita por Bosco Brasil, o ator vive o “workaholic” Antonio Carlos, dono de um petshop e hotel para cachorros e é casado com Clarinha, interpretada por Renata Dominguez. “Ele ama a esposa, mas não sabe se expressar com ela durante as conversas. Tudo isso causa um ruído no relacionamento”, adianta ele, que preferiu não ir muito longe durante o processo de composição do personagem. “Busquei referências próprias

A ideia de adaptar as obras de Graciliano Ramos para a tevê era um desejo antigo de Luiz Fernando Carvalho. Por isso, os 60 anos de morte do autor casaram diretamente com a produção do especial de fim de ano, “Alexandre e Outros Heróis”, que vai ao ar dia 18. O episódio é baseado nos contos “O Olho Torto de Alexandre” e a “A Morte de Alexandre”. “Sempre achei que a obra de Graciliano tinha uma linguagem muito próxima a da televisão. Como esse ano é uma efeméride, achei fundamental esse projeto. E a Globo comprou a ideia muito rápido”, explica o diretor, que começou os ensaios da produção sem o texto finalizado.

e em relacionamento de amigos”, completa. Com produção assinada pela Swen, o especial foi inteiramente gravado em São Paulo e com uma estética próxima do cinema. “Foi ótimo. É um outro tempo para se adaptar. Como só há uma câmara, saí da minha zona de conforto e conheci uma nova forma de trabalho”, ressalta. Dirigida por Del Rangel, a produção está prevista para ir ao ar no dia 17 de dezembro.

Com as galinhas A produção de “Em Família”, próxima novela das nove, tem madrugado para gravar as primeiras sequências da novela no Rio de Janeiro. O diretor Jayme Monjardim, que tem utilizado locações na Barra da Tijuca e na Zona Sul da cidade, inicia as gravações antes do nascer do sol. Os trabalhos em estúdios devem começar ainda este mês. O elenco já recebeu o roteiro até o capítulo 20.

« NOVELAS »

Apostar no público infantil é o grande ‘’filão’’ de Iris Abravanel. Além de adaptar o ‘’remake’’ de “Chiquititas”, a autora faz jornada dupla ao assinar o texto de Patrulha Salvadora, série derivada da trama de ‘’Carrossel”. No entanto, a extensa carga horária de trabalho não desanima a esposa de Silvio Santos. “É um

Foi bem O mito que se tornou Silvio Santos na televisão. Aos 83 anos, o apresentador continua sendo um ícone na televisão. No comando do dominical “Programa Silvio Santos”, o dono do baú ainda consegue surpreender e emocionar o público.

Novos tempos A Rede TV! lançou a sua programação para 2014 durante uma festa na sede da emissora, em Osasco, na grande São Paulo. O evento reuniu os principais nomes da emissora: Luciana Gimenez, Daniela Albuquerque, João Kléber, Amaury Jr., Sonia Abrão, Nelson Rubens e Gilberto Barros, além personalidades do mercado publicitário e celebridades. Durante a apresentação, o vicepresidente da RedeTV!, Marcelo de Carvalho fez uma análise positiva do ano de 2013 após um turbulento período. “Todo mundo sabe que 2012 foi terrível não só para nós, como para muita gente.”

Foi mal A gritaria proporcionada por Zeca Camargo no ‘’Vídeo Show”. A exagerada empolgação do apresentador combinado com seu elevado tom de voz é demais para o horário da tarde. ★★★ Hoje, Camila Pitanga conta suas experiências à Sabrina Parlatore, no “Update”, do Glitz*. ★★★ Vai ao ar, nesta sexta, o penúltimo episódio de “A Mulher do Prefeito”. ★★★ Amanhã, o “Altas Horas” comemora 13 anos no ar com um programa especial sobre novelas.

« PROGRAME-SE » Série “Beauty and The Beast” será reformulada

TV GLOBO

RAPHAEL DIAS

Hora extra

enorme desafio para todos nós da equipe. O amor pelo projeto tem sido nosso combustível de todos os dias. É contagiante sentirmos o entusiasmo e a alegria de todos que trabalham na teledramaturgia do canal”, valoriza. A produção infantil tem estreia prevista para o dia 11 de janeiro, às 20:30 h.

REPRODUÇÃO João Fernando/AE

Amélia vai tentar convencer Zefinha a depor contra Ernest

Em Amor à Vida, Niko consegue a guarda de Jayminho

Malhação Globo 17:30 Pablito decide se fingir de namorado de Luciana para roubar o candelabro de Ronaldo. Um furacão nos Estados Unidos atrasa o voo de Meg e Giovana é incentivada a substituir a menina no musical. Luciana revela toda a verdade sobre Pablito para Vera, Omar e Ronaldo, e diz que deixará o Grajaú.

Guto prepara um GPS para o amigo levar na jornada. Paulinha questiona Zélia sobre sua ida ao centro de comunicações. Sandra decide ligar para André.

Joia Rara Globo 18:00 Amélia convence Zefinha a depor contra Ernest. Salvador visita sua neta, Marta, no hospital. Silvia sente contrações, e Viktor a leva ao hospital. Após interrogar Valter, o delegado chega à conclusão de que Tenpa se enganou sobre o carro. Nasce o filho de Silvia, e Franz a ouve dizer que Viktor é o pai. Além do Horizonte Globo 19:00 William manipula Sandra para que minta a André sobre o desaparecimento de Tereza. William recebe a notícia de que foi escolhido pelo Grupo.

Chiquititas SBT, 20:30 Na rua, Tati pede a Cícero um lugar para ficar. Mili aconselha Vivi a encontrar Tati e contar a verdade. Cícero leva Tati de volta ao orfanato. Na rua, Cintia vai ao encontro de Cícero. Cintia sai para buscar água para as crianças beberem e Armando a espera dentro do carro. Ela pede ao rapaz que dê uma lição em Cícero. Amor à vida Globo 21:00 Aline e Ninho enterram Mariah. Félix sugere que Glauce fuja do país. Niko consegue a guarda de Jayminho. Natasha pede que Thales se afaste de Leila. Vendedores rivais reclamam de Félix. Aline transfere dinheiro de César para sua conta. César cai na piscina e Ninho observa.

Homens com músculos torneados e com superpoderes sempre estiveram por perto nos trabalhos que Kristin Kreuk, protagonista de “Beauty and the Beast”, fez na TV Além da série, cuja segunda temporada está no ar pelo Universal Channel, todas as segundas, às 22 horas, a canadense tem o rosto conhecido por aqui pela atuação em “Smallville”, que narrava a adolescência do “Super-homem”. Apesar do histórico, ela jura que a ficção não afetou as expectativas com homens da vida real. “Espero que eles sejam fortões”, brinca. “Não penso assim, mas trabalho em séries em que eles têm poderes estranhos e problemas emocionais. Essa é a resposta”, diverte-se a atriz. Na atração atual, ela vive “Catherine”, uma detetive que se apaixona por “Vicent” (Jay Ryan), um ex-militar que, depois de experimentos científicos, se tornou uma figura que se transforma em monstro quando está fora de controle, mas que salva pessoas da ação de criminosos. Na primeira temporada, o encontro dos personagens estava em primeiro plano. Agora, o romance é o foco. Na trama, “Catherine” é salva de um assalto que resultou na morte de sua mãe. Ela tem a impressão de que um animal atacou os criminosos. Anos mais tarde, ela descobre que seu protetor é um ser humano que vive escondido. Em troca de proteção, a detetive propõe que ele a ajude a conseguir detalhes da morte de sua mãe. “As pessoas esperavam que eu fosse um jovem Ron Perlman (ator com histórico de filmes de heróis) com uma roupa de leão moderna Ele é um soldado que desenvolveu características de uma fera, pois tem DNA de um animal no corpo. Por isso que quis esse papel É mais interessante ter uma história moderna, é uma fera com muitas

REPRODUÇÃO

REPRODUÇÃO

Curta na Tela estreia “Eu, Um Amarildo” Canal Brasil, 20h “Onde está Amarildo?”, a frase que ecoou no Brasil em 2013 é o mote para o filme de Rômulo Cyríaco. O filme investiga o desaparecimento de Amarildo Dias de Souza por meio de depoimentos de amigos e familiares do retratado. A busca é uma só: respostas para o caso que não ficou restrito às favelas e chocou o país. Amarildo foi abordado por agentes da Polícia na saída de um boteco da favela da Rocinha (RJ) no dia 14 de julho de 2013 e levado para a sede da UPP. O ajudante de pedreiro, casado, pai de seis filhos, nunca mais voltou para casa.

Nova temporada de Lilyhammer Netflix, a partir de hoje Estreia da segunda temporada da série norueguesa “Lilyhammer”no Netflix. Conta a história de um mafioso que, após testemunhar contra seu chefe em Nova Iorque, entra para o programa de proteção às testemunhas. Nesta temporada, Frank Tagliano (Steven Van Zandt, ex-“Sopranos”) está com novos problemas. Recém-separado, pai de gêmeos e vivendo sob nova identidade na Noruega, o exchefão da máfia tenta se safar de seus antigos comparsas, que descobrem que ele está vivo.

Histórias e memórias em A Canção de Paris Eurochannel, 19h Paris é conhecida como a Cidade das Luzes ou a Cidade do Amor, no entanto, os franceses pensam nela como a Cidade das Artes. O documentário vai mostrar o lado artístico da capital francesa, bem como canções dedicadas ao seu povo, seus bairros e ruas. Dirigido por Valérie Lavalle, oferece também uma homenagem especial às canções compostas pela cidade desde o início do século XX. Através das letras e vocais de artistas de renome, como Edith Piaf, Brigitte Bardot, Charles Trenet, Jacques Brel.

«HORÓSCOPO • BÁRBARA ABRAMO » Lua e Netuno anunciam intuição e sensibilidade a mais para tratar com gente, negociar serviços e produtos, e fazer valer seus preços. Você também está mais consciente do seu valor, o que ajuda a equilibrar as relações.

Touro 21/04 a 20/05 Lua em seu signo hoje e amanhã configura aquele momento do mês em que você deveria tirar férias dos problemas dos outros, concentrando-se apenas nos seus próprios. Cuide da saúde, do emocional, há mudanças profundas em curso.

facetas e que vive uma confusão emocional”, filosofa Jay Ryan. “E agora tem mais cenas de luta”, reforça Kristin. No segundo ano, houve uma troca de showrunner (figura que controla produção e roteiros), hoje sob o comando de Brad Kern (de Charmed e As Aventuras do Super-homem). “Agora, sabemos o que funciona ou não. Sinto que há mais energia e ação. Antes, havia muita coisa acontecendo”, palpita Kristin. “Vincent terá umas missões. Tenho o elemento romântico e, ao

« DESTAQUES DE HOJE »

REPRODUÇÃO

Áries 21/03 a 20/04

O par romântico formado por Jay Ryan (a fera) Kristin Kreuk (a bela detetive)

Gêmeos 21/05 a 20/06 Embora esteja dependendo muito das decisões alheias, pode dar seus passinhos mais livres hoje no campo das artes. Uma dívida antiga pode ser resolvida com ajuda de pessoa poderosa. Investimentos de longo prazo estão favorecidos.

Câncer 21/06 a 21/07 Mantém-se ainda hoje e com grande força a vibração positiva de Júpiter e Saturno. Ótimo para você seguir sua inspiração e dar andamento a projetos de envergadura. Promete também sucesso em pendências judiciais. Amor em alta.

mesmo tempo, chuto alguns traseiros”, diz o ator. Quando questionada sobre seu lado fera, a bela Kristin é interrompida pelo colega. “Quando você chega para gravar às 6h e fala: ‘Bom dia, Kristin’. Ela responde com um grunhido”, faz graça. No episódio da semana que vem, o barco onde Vincent mora em sigilo será destruído por uma outra fera. Em seguida, o inimigo misterioso atacará a casa de Catherine e ela pede ajuda ao amado.

cinthialopes@tribunadonorte.com.br REPRODUÇÃO

Globo Repórter mostra a dura jornada de quem não tem planos de saúde - Globo, 22h30 No Globo Repórter, a dura jornada dos brasileiros que não têm planos de saúde. As equipes do Globo Repórter voltam aos mesmos lugares que foram mostrados há quase três anos. E encontram situações ainda piores. Pacientes internados à espera de médicos que nunca chegam. Hospitais sujos e sem recursos. Falta roupa de cama. E doentes chegam a dividir a mesma maca. No Rio de Janeiro no mesmo prédio onde doentes aguardam horas por uma consulta, há um pronto-socorro fantasma.

ALEX RÉGIS

Soy Loco por ti Cinema apresenta “Deus os Cria 2” TV Brasil/TVU, 23h Filme porto riquenho com direção de Jacobo Morales. Em 1980, um filme retratava os falsos valores burgueses da sociedade portoriquenha. Era o Deus os cria (Dios los cria), filme com cinco histórias dirigido pelo cineasta Jacobo Morales. Duas décadas e meia depois, Jacobo Morales aprofunda temas como a solidariedade humana, a infidelidade e os conflitos sociais em “Dios los cría 2”, filme composto por três histórias: “O mesmo de outra maneira”, “Félix” e “Tenho uma surpresa”.

Arranjo astral indica fortalecimento do poder de conglomerados internacionais Leão 22/07 a 22/08 O que você fizer e falar hoje terá mais impacto em seu meio do que em outros dias. Portanto, vale pensar bem antes de comprometer sua reputação. Um trabalho ou tarefa de destaque deve surgir entre hoje e amanhã. Aceite.

Virgem 23/08 a 22/09 Agora não é momento de altas exposições na profissão ou no trabalho. O retorno de uma amizade traz novas esperanças. Romance no ar para você curtir um clima de total união, esteja aberto para captar os sinais de seu amor.

Libra 23/09 a 22/10 Boas notícias para os que estão ao seu lado são excelentes também para você. No campo financeiro, especialmente, parceiros, cliente e cônjuge desafogam preocupações. Mas não gaste a mais. Medos e dúvidas prejudicam e desorientam.

Escorpião 23/10 21/11 Movimento financeiro intenso, reveja contas e orçamentos. Semana termina sob um astral bem vibrante para você, que está mais aberto para as pessoas e a fim de entendê-las melhor. Um toque de leveza vai ajudar bastante no amor!

Sagitário 22/11 a 21/12 Procure mostrar como é que serão realizadas as excelentes ideias que você tem, num dia em que a praticidade, as garantias e o dinheiro no bolso apelam demais. Flutuações de humor com empregados e assistentes. Seja expressivo no amor.

Capricórnio 22/12 a 20/01 Glamour, luxo e riqueza hoje, com muita sensualidade e encanto. O astral protege você e seus amores, e as festas e reuniões serão oportunidades ótimas para ver gente que faz tempo que não encontra. Amores em dia privilegiado.

Aquário 21/01 a 19/02 Enrolar-se num cobertor e ficar em casa fazendo o que gosta. Ler um livro, ver um seriado, namorar, programas ótimos para hoje, depois de um dia cheio de incumbências. Resignação com seu trabalho, seja paciente por enquanto.

Peixes 20/02 a 20/03 As notícias boas e os contatos de trabalho são tão bons que superam as chateações e as demoras em outros campos. Lembre-se que você está numa fase espetacular para se impor profissionalmente e que isso não vai durar muito, aproveite.


Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

viver

3

EDUARDO KENNEDY

EDUARDO KENNEDY

Look do dia

Enfim chegamos ao final de mais um Tráfego Look. Anteontem, 11, realizamos a edição de 20 anos do concurso com ares de super produção no Requinte Buffet, onde 24 garotas e 10 rapazes de todo estado entraram na disputa por um contrato de trabalho na Joy Model de São Paulo | SP. E os vencedores foram: André Quintiliano, 19 anos e 1,90m, e Natalie Kuckenburg, 13 anos e 1,78m, ambos classificados na etapa Natal. Na segunda colocação ficaram: Thiago Faustino (Mossoró) 21 anos e 1,90m e Ana Clara de Medeiros (Caicó), 14 anos e 1,78m. Na terceira colocação: Lucas Teixeira (Natal) 20 anos e 1.87m e Andreza Nobre (Mossoró), 18 anos e 1,72m. Porém, todos os candidatos já fazem parte do cast Tráfego Models. As candidatas desfilaram com body branco e shortinho dourado by Estela Viva e os meninos com sunga Riachuelo e regatão Estrela Viva, Na passarela rolou também desfile de moda masculina On Line e Maison Tráfego com trilha cantada “ao vivo” pela magistral Dida Lira, um verdadeiro show de moda.

Pela quantidade de informações e exibições nas redes sociais com dicas de moda e beleza, a gente leva a crer que todos já saibam, ou melhor, tenham uma noção do que se vestir para uma grande festa, não é mesmo! Engano total. O que temos visto pelos grandes salões são algumas mulheres com looks totalmente errados e inadequados. Salve as que realmente entendem do assunto. É, já está na hora de buscarem informações mais corretas e estudarem um pouco do assunto: Moda!

Na ocasião do Tráfego Look 20 anos, o booker da agência Joy, Jocler Turmina falou da importância da nossa seleção Tráfego Look para o cenário da moda nacional e ressaltou a história do concurso contada por tantos que já participaram ao longo desses 20 anos.

Exposição Tendo como cenário a Praia de Ponta Negra, acontece logo mais a partir das 10h, próximo ao Morro do Careca, a exposição fotográfica “Beach-digi-art”. As imagens que fazem parte da mostra têm como mote os diversos movimentos que pontuaram a cronologia das artes visuais. O evento está sendo realizado pela primeira vez na capital do Estado é toda a idealização é do Projeto Art Photo Club Internacional – APC 15.

Recital

Natalie Kuckenburg, 13 anos e 1,78m, é a vencedora do Tráfego Look 2013

georgeazevedo@tribunadonorte.com.br

Presença vip

George Azevedo

Trafegando

André Quintiliano é o grande vencedor da edição especial do Tráfego Look EDUARDO KENNEDY

Beachwear A marca potiguar Solfashion Brasil realiza logo mais, no Shopping Ponta Negra Center o seu desfile de beachwear e fitness para o verão 2014. E claro, o cast da Tráfego Models estará enchendo a passarela de muita beleza, tudo sob a trilha do Sax in the House.

Corta fitas A cantora Nida Lira em performance para o desfile da Maison Tráfego

Tudo novo Apresentado pela sempre querida Priscilla Freire, o programa Band Mulher está de cara nova, ou melhor, de cenário novo. Tudo foi pensado pela artefacto/home.D através da empresária Ysnara Almeida. Chique viu!!

Desembarca hoje em Natal a primeira loja do Nordeste da marca Rabusch. A franquia que tem lojas espalhadas pelo Sul do Brasil e em São Paulo, realizará daqui a pouco, a partir das 19h, um coquetel bacanérrimo para convidados vips e imprensa, no Natal Shopping. Imperdível!

Encerrando o ano de 2013 com chave de ouro, a Escola de Música da UFRN está realizando a Semana do Violino 2013, onde trás como convidado especial o renomado violinista chinês Song Qiang, professor do Conservatório de Música de Tianjin. Para quem quiser curtir sua música, hoje a partir das 20h, no Auditório Onofre Lopes vai rolar um recital de violino e piano, com a participação do professor Durval Cesetti. Tudo!!

Super Glam A estilista Nathália Faria lança hoje sua coleção para Maré Mansa Maison. O evento, que é coordenado pela competente Hadassa Freddi acontece logo mais, às 19h, no Shopping Cidade Jardim. E claro, estaremos por lá para fazer uma cobertura toda especial para próxima edição da revista Glam. JOANA LIMA

Teste seu português TEREZINHA BELOTE CHAMAN

“O trabalho é uma balança com dois pesos proporcionalmente iguais, sendo um o dever e o outro o direito”.

Mas nas águas tranquilas só há

Se você tem bom gosto, vai apreciar essas duas pérolas de Drummond. Boa leitura.

Teste o seu Português.

No meio do caminho Tinha uma pedra no meio do caminho No meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho tinha uma pedra

Como a esquadra é cordial! Podemos beber honradamente nossa cerveja.

01 – Estabelecimento comercial que vende queijos, frios, massas, carnes, é uma ... a ( ) rotisserie; b ( ) rotisseria; c ( ) “rôtisserie”; d ( ) rotiseria.

no meio do caminho tinha uma pedra. Nunca me esquecerei desse acontecimento na vida de minhas retinas tão fatigadas. Nunca me esquecerei que no meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho

02 – Ao escolher o feijão, encontrei alguns: a ( ) carunchos; b ( ) carunxos; c ( ) caruchos; d ( ) caruxos.

no meio do caminho tinha uma pedra. Privilégio do mar Neste terraço mediocremente confortável, bebemos cerveja e olhamos o mar. Sabemos que nada nos acontecerá.

03 – Surgiu uma dúvida. O que é adequado? a ( ) Espumadeira; b ( ) Escumadeira.

O edifício é sólido e o mundo também. Sabemos que cada edifício abriga mil corpos labutando em mil compartimentos iguais. Às vezes, alguns se inserem fatigados no elevador e vem cá em cima respirar a brisa do oceano, o que é privilégio dos edifícios.

04 – Um bolo salgado de farinha de milho. Trata-se de um: a ( ) cuscus; b ( ) cuzcuz; c ( ) cuzcus; d ( ) cuscuz.

O mundo é mesmo de cimento armado. Certamente, se houvesse um cruzador louco, fundeado na baía em frente da cidade, a vida seria incerta... improvável...

b ( ) Estralei o dedo.

marinheiros fiéis.

05 – O que e adequado? Estalar ou estralar? a ( ) Estalei o dedo.

06 – Estamos passando por uma profunda __________ de chuva. a ( ) escaces; b ( ) escases; c ( ) escasses; d ( ) escassez; e ( ) escacez. 07 – Hoje vou comer uma ___________. a ( ) carangueijada; b ( ) caranguejada; c ( ) caranquejada. 08 – Na política, tem de haver ___________, para depois haver _________. Dessa forma, não haverá __________ no futuro. a ( ) coesão – coalizão – colisão; b ( ) coezão – coalisão – colizão. 09 – Que frase tem o verbo corretamente empregado? a - Quando setembro vir, a primavera despontará. b - Quando setembro vier... c - Quando setembro vim... 10 – As vassouras _____________ são ótimas. a ( ) piaçava; b ( ) piassava; c ( ) piaçaba; d ( ) piassaba.

de

Respostas do Teste o seu Português nº. 316 Resp 1.: b - Estabelecimento comercial que vende queijos, frios, massas, carnes, é uma rotisseria (palavra portuguesa) ou “rôtisserie” (palavra francesa). Resp 2.: a - Ao escolher o feijão, encontrei alguns carunchos. O feijão está carunchado. Caruncho = nome masculino de inseto que corrói madeira, feijão, milho, reduzindoos a pó. Resp 3.: a – b – Ambas as formas são adequadas (DUP – 2002) Você pode falar ou escrever das duas maneiras: Espumadeira / Escumadeira (são formas variantes)

Resp 4.: d – Trata-se de um cuscuz. Cuscuz: o plural é cuscuzes. Resp 5.: a – b – Estalar e estralar são formas variantes. Portanto está correto dizer: Estalei o dedo. Estralei o dedo. Resp 6.: d – Estamos passando por uma profunda escassez de chuva. Escassez (= falta, carência, míngua). Resp 7.: b – Hoje vou comer uma caranguejada. Caranguejada (= grande quantidade de caranguejos). Resp 8.: a – Na política, tem de

haver coesão, para depois haver coalizão. Dessa forma, não haverá colisão no futuro. Coesão (= harmonia, união, coerência). Coalizão (= acordo entre partidos políticos, convergência). Colisão (= divergência, discórdia). Resp 9.: A frase cujo verbo está corretamente empregado é: b - Quando setembro vier, a primavera despontará. Vier (= futuro do subjuntivo do verbo vir). Vir (= futuro do subjuntivo do verbo ver). Resp 10.: a – c – As vassouras de piaçava ou piaçaba são ótimas.

Professora de Língua Portuguesa,com especialização em Lingüística de Texto.Mestre em Comunicação pela Unesp de Bauru e doutoranda em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, jornalista e produtora do quadro "Teste o seu Português",Programa Mestre-Cuca - da CNT.Colunista semanal dos jornais Diário do Grande ABC (SP) e Jornal de Araraquara (SP).

Artista finaliza instalação de seu trabalho para abertura do Salão nesta sexta

Salão de Artes Visuais de Natal abre hoje na Funcarte « ARTES VISUAIS » Com 15 artistas contemplados, exposição coletiva traça um recorte importante da nova geração e insere o RN no cenário nacional

U

m recorte significativo do que vem sendo produzido no campo das artes visuais no país será apresentado durante o 15º Salão de Artes Visuais de Natal. A exposição coletiva reúne trabalho de 15 artistas e será aberta para visitação pública hoje, às 20h, na galeria da Fundação Capitania das Artes. O Salão permanece em cartaz até o dia 24 de janeiro do próximo ano. A seleção das obras ficou a cargo da curadoria composta por Jota Medeiros, Sânzia Pinheiro e o cearense Bitú Cassundé. Ainda nesta sexta-feira, durante o vernissage, será anunciado o nome de um dos artistas que será contemplado com premiação extra para realizar pesquisa visual e criar mostra individual até o segundo semestre de 2014. Entre os 15 artistas selecionados, dos 158 inscritos, três são do RN: Artur Souza, Jean Sartief e Zé Frotas, todos apresentaram propostas ligadas a linguagem fotografia. Sofia Bauchwitz completa o time local com trabalho na categoria texto teórico. O quinto po-

tiguar a fazer parte do Salão é o artista visual Marcelo Gandhi, que concorreu por São Paulo, onde mora, e emplacou projeto de pintura. Cada um dos artistas receberá R$ 6 mil como prêmio; enquanto o autor do texto recebe R$ 4 mil e o escolhido para a pesquisa visual leva mais R$ 15 mil. Ao todo foram escalados trabalhos de sete estados, com predominância na categoria instalação (sete obras); pintura e fotografia empataram em segundo com três trabalhos cada. Duas propostas de vídeo e um objeto fecham a lista. “O Salão deu um salto grande em termos de qualidade este ano, e no próximo vamos promover ajustes no edital”, disse Flávio Freitas, diretor do Núcleo de Artes Integradas da Funcarte, setor responsável pela formatação do edital e da realização do Salão de Artes Visuais. Freitas acredita que a abrangência nacional do edital irá possibilitar a inserção de Natal no circuito nacional de artes visuais. Para a curadora Sânzia Pinheiro, o conjunto apresentado

no Salão “traz diversidade e deve render boas discussões, principalmente quanto a percepção dos espaços: urbanos, públicos, privados”. Ela informa que as escolhas da curadoria considerou a consistência da proposta. “Observamos o nível de sofisticação, a maneira como o artista articula os materiais e sua relação com as linguagens”. O cearense Bitú Cassundé acredita que a abertura nacional do Salão irá proporcionar um contato “mais dinâmico com novas referências, e isso só tem a acrescentar”, garante. Entre as sugestões apresentada pelos curadores está a possibilidade de se promover residências artísticas em via de mão dupla: “Tanto trazer gente de fora como levar artistas locais para outros polos”, disse Cassundé. Serviço Salão de Artes Visuais de Natal, exposição coletiva com trabalhos de 15 artistas. Abertura nesta sexta-feira, às 20h, na galeria da Funcarte. Visitação até dia 24 de janeiro de 2014.


4

viver

Natal • Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

BLOGJOTAOLIVEIRA/JOÃO NETO

Parabéns! Trocando de idade hoje com os vivas da coluna: André Galvão, Dora Cortez e Maria Emília Bulhões Antunes.

Serviço Trabalhadores podem gerar e visualizar extratos do FGTS dos últimos 25 anos em uma ferramenta recém-lançada pela Caixa Econômica Federal. Saiba detalhes no nosso blog.

Solidariedade O Bazar do GACC-RN, realizado dias passados, vendeu diversos produtos doados pelas Lojas Riachuelo e arrecadou quase R$ 20 mil, que serão destinados à melhoria da qualidade de vida das crianças assistidas pela instituição.

Friends Os mais chegados nos domínios de Mário Barreto esperando a ocasião de confraternização de fim de ano que acontece todos os anos reunindo amigos novos e das antigas no melhor estilo Noite Feliz.

Festeiros de dez: Gil Pereira, Maria José Pacheco, Soledade Fernandes, Ana Pereira e Jarbas Bezerra

BLOGJOTAOLIVEIRA/JOÃO NETO

Em tempo de festa: Elda Machado, Cunha Neto/Cláudia, Telmo Barreto/Eliane JOÃO NETO

jotaoliveira@tribunadonorte.com.br

Celebrando a vida em noite Forever Young, casal Sônia Barreto/Teófilo Furtado

Jota Oliveira

BLOGJOTAOLIVEIRA/JOÃO NETO

Celebrando O Sebrae enviando livro comemorativo aos seus 40 anos. A obra, intitulada “Existe um Sebrae pra você”, traz relatos de empreendedores e parceiros, além de um histórico da instituição.

Vencer não é competir com o outro. É derrotar seus inimigos interiores.” ROBERTO SHINYASHIKI

Horário

Incentivo

Visando a comodidade dos clientes, o Midway Mall irá ampliar seu horário de funcionamento. A partir deste domingo, até a véspera do ano novo, o shopping terá horários diferenciados, abrindo mais cedo aos domingos, se estendendo até as 23h dos dias 16 a 20 e até meia-noite de 21 a 23 de dezembro.

A Câmara do DF aprovou reserva de verba publicitária para blogueiros. A proposta destina, no mínimo, 10 % da verba publicitária dos Poderes Públicos locais para veículos de imprensa comunitária e blogs de Brasília. Taí, uma medida pra ser implantada aqui também.

Se ligue!

Desenvolvimento Solteira? A imprensa internacional afirma que Madonna é a mais nova solteira do pedaço. O ponto final teria acontecido quando o namorado, Brahim Zaibat, aceitou participar da versão francesa de “Dancing With The Stars”.

Noel O ator e jornalista Marcílio Amorim já agendando visitas caracterizado de Papai Noel para a temporada natalina, em especial a noite do dia 24, já com grande procura. Contatos pelo fone 8853-2250.

Esta TN, em parceria com outras instituições, promove o Seminário Desafios e Oportunidades da Indústria, que acontece próxima segunda, às 8h, na Casa da Indústria. O evento faz parte do Projeto Motores do Desenvolvimento do RN.

Em circulada natalense Thiago Paulo e Clara Carrilho LU LACERDA

Prestigiada Assim foi a noite de ontem, na Casa de Câmara Cascudo, quando o fotógrafo Canindé Soares pilotou lançamento da segunda edição do livro “Natal por Canindé Soares”. A obra reúne imagens e textos da capital potiguar.

Movimento Vivas para Dora Cortez rasgando folhinha hoje

DÁCIO GALVÃO [ daciogalvao@globo.com ]

“Conversação com Boris Schnaiderman – 2ª parte”

D

Presenciei em dada ocasião, no auditório da Universidade de São Paulo-USP, um recital em que participavam, entre outros, Aurora Bernadini, Augusto e Haroldo de Campos. O senhor lia o original em russo e um dos componentes da mesa lia em seguida o mesmo poema vertido para o português. Recital é uma prática constante nas intervenções culturais?

Nós temos feito isso bastante. Principalmente depois do lançamento da Nova Antologia Poesia Russa Moderna, ampliada. Na ocasião nos apresentamos vezes seguidas, e de vez em quando, nós fazemos isso. Ultimamente me aconteceu fazendo a mesma coisa com Nelson Archer. Cuido do texto russo e ele da tradução em português. Teoricamente, a densidade e o aprofundamento foram satisfatórios?

No campo teórico, não vi surgir grandes novidades, eu vi surgir novidades no campo de criação. Isso é um outro capítulo, um capítulo importante. Realmente na Rússia estão se fazendo coisas importantes. No campo teórico, não vi o prosseguimento do que se vinha fazendo. Posições interessantes houve por parte dos estudiosos russos em semiótica. Contribuições im-

DIVULGAÇÃO

portantes, inovações. Eu disse que não houve novidades mais, isso é relativo. V.V. Ivanov que aparece no livro, tem formulado ultimamente uma separação completa da concepção da chamada Escola de Praga que vinha vendo um sistema modelizante primário onde eles falavam sempre em modelizante secundário e os demais sistemas de comunicação, seriam sistemas modelizantes secundário. Na poética, muitas vezes o sistema modelizante primário não é linguagem verbal. Por exemplo, o cinema de Eisenstein traz elementos para a poesia. Então, nesse caso, o sistema modelizante primário é o cinema que não é a linguagem verbal. Cito esse exemplo : O Iúri Lotman passou a abordar todos os problemas de cultura que ele já vinha estudando principalmente com B. A. Uspênski, passou a abordar isso, com um ângulo muito mais amplo principalmente no livro que saiu em inglês com o nome de Universal Mind. O formalismo russo teve uma importância para os estudos semióticos...

Nem há duvida. Isso é reconhecido amplamente. Em uma edição do seu livro Obra Aberta, Umberto Eco lembra que ele ficou espantado pelo fato dos formalistas russos terem formulado princípios que seriam desenvolvidos pela Teoria da Informação, que na época não existia. E o Círculo Linguístico de Praga com N. S. Trubetzkoy, Vilém Kartzévski, Roman Jakobson, Vilem Mathesius que colaboração acresceu a esses estudos?

> Circulando a edição da Ceia Cultural, revista cult do Colégio CEI.

« SAÚDE »

QQCoisa ando sequência à fala do principal tradutor da literatura russa no Brasil, se configura uma varredura nos processos teóricos e criativos da produção que se inicia naquele país nos anos 30, atravessando o cubofuturismo e permeando um dado legado teórico dos anos 90. Vejamos aí.

No nosso blog: Brasil teve a maior queda do PIB entre os países do G20. > Jennifer Lawrence e Chloë Moretz são queridinhas do público, mas os cachês...> Gisele conta qual lingerie usa para seduzir Tom Brady. >No Fashion, veja opções de looks para arrasar na temporada de festas. > No Arco-íris: o ator assumido Ben Whishaw será Freddie Mercury nos cinemas. > Invenção: Camiseta de sílica repele qualquer tipo de líquido. > Após smartwatch, novo anel inteligente controla smartphone via Bluetooth.

tou trabalhando nisso. Então não é uma atividade concluída. Eu quero fazer coisas, inclusive tem uma série de projetos que preciso realizar. Estou concluindo um livro, um vasto livro sobre como as coisas aconteceram na cultura russa nessa virada histórica. O que acontece com a cultura, como a cultura se expressou. Inclusive tudo isso tem relação como o período anterior. Estou concluindo o livro sobre isso e tenho até publicado menos coisas sobre outros temas por causa disso. Estou concentrado principalmente nesse livro. O Círculo Lingüístico de Praga tem a sua raiz no Formalismo Russo. Trouxe um desenvolvimento importantíssimo num período em que os chamados formalistas russos não podiam mais dizer, exercer a reflexão teórica. Simplesmente estavam impedidos de refletir teoricamente. Eles continuaram trabalhando literatura, preparando edições fazendo traduções, coisas assim.

O senhor teve contato com a Lília Brik, a musa de Maiakóvski?

Quando eu conheci Lília Brik ela já estava casada com V. A. Katanian que é um estudioso da obra de Maiakóvski.”

Sim. Eu conto isso aí na minha entrevista que está publicada no livro sobre Maiakóvski. Tive um contato direto com ela, conversei com ela, fiquei assim... duas horas conversando com ela. Ali naquele texto eu só transmiti o que ela autorizou, da conversa que eu tive com ela. Que impressão ela expressou?

Mais impedidos pelo aspecto político?

Em 1930 o Formalismo Russo foi simplesmente proibido. Houve quem se retratou. Víctor Chklóvski foi o primeiro a dizer publicamente que tinha sido um erro e tal. Os outros não. Mas, eles ficaram assim de quarentena. Foram aproveitados para trabalharem em edições de clássicos . Remetia-se a algum trabalho de história de literatura mais nada de reflexão teórica. A reflexão teórica deles estava banida. Isso foi a partir de 1930. O Circulo Linguistico de Praga na realidade te-

ve uma ligação muito direta com o chamado Formalismo Russo. Lá estava o Roman Jakobson, estava o Yúri...(.) Mas, o Círculo Linguistico de Praga teve uma reflexão muito importante em campos que os chamados formalistas russos não puderam desenvolver. Inegavelmente seu trabalho ocupa um espaço de relevância dentro dessa divulgação do legado russo, considerando os grandes escritores. Sente essa responsabilidade concluída?

Concluída não. Estou trabalhando. Enquanto tiver vida es-

Ela me deixou uma impressão forte. É o que eu posso lhe dizer. Agora, o que tinha de expressar está principalmente ali no livro Maiakóvski Poemas. E Óssip Brik, um dos formalistas russos, seu companheiro?

Não conheci. Quando eu conheci Lília Brik ela já estava casada com V. A. Katanian que é um estudioso da obra de Maiakóvski. Para quem, ela passava constantemente materiais sobre o poeta. Ela própria escrevia, mais também passava materiais para Katanian.

Internado, Reginaldo Rossi apresenta melhora ANGELA LACERDA

R

ecife - O cantor e compositor pernambucano Reginaldo Rossi, 69 anos, tem um tipo de câncer de pulmão que possui grande possibilidade de metástase, mas ao mesmo tempo oferece boa resposta aos medicamentos. A informação foi dada na quintafeira (12), pela equipe médica que o atende no Hospital Memorial São José, no Recife, onde está internado desde o dia 27. Rossi continua na Unidade de Terapia Intensiva, entubado, e se submeteu à segunda sessão de quimioterapia. Ele apresentou melhora, depois da primeira sessão, realizada nesta quarta-feira, 11, quando passou mal e seu estado foi considerado “crítico” pelos médicos. Nesta sexta, 13, ele terá a terceira sessão, encerrando o primeiro ciclo do tratamento. Depois de um intervalo de 21 dias, voltará à quimioterapia. O cantor tem insuficiência renal e se submete a hemodiálise desde o dia 3 de dezembro. O pneumologista Murilo Guimarães, que integra uma equipe de seis profissionais, disse que há expectativa de que ele continue reagindo. Observou, no entanto, que o cantor corre risco de vida. “Ninguém que está na UTI não está em risco de vida”, disse, em entrevista. O cantor deu entrada no hospital com dores torácicas, hipertensão e infecção renal. No dia 4 foi retirado um nódulo da sua axila direita e o resultado da biópsia confirmou o diagnóstico de câncer no pulmão.


+

Rachids amplia seu cardápio sírio-libanês e Pink Elephant estreia seu lugar na noite de Natal « PÁGINA 3 E 4 »

FIM DE SEMANA É UM SUPLEMENTO DA TRIBUNA DO NORTE. NÃO PODE SER VENDIDO SEPARADAMENTE.

Natal • Rio Grande do Norte • Sexta-feira • 13 de dezembro de 2013

QUANDO A MÚSICA TOCA Está aberta a temporada de projetos musicais gratuitos em toda a cidade. De shows de grandes nomes da MPB, como Roberta Sá e Elba Ramalho a recitais, concertos, apresentação de corais e virada musical, há vários

para dançar ou se emocionar PÁGINAS 6 A 8 »

ART/CAMILA CAHÚ


2

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Editora: Cinthia Lopes Repórter: Tádzio França. End: Av. Tavares de Lira, 101 - Ribeira. Fone: 4006-6113/6128/6117. E-mail: cadernoviver@tribunadonorte.com.br

MEU PROGRAMA LEGAL

Lazer com trilha sonora DIVULGAÇÃO

BRUNZA HETZEL cantora

A

preciadora de variados campos das artes, Bruna Hetzel se encontrou na música. “Desde a infância tenho uma ligação forte com o universo musical, sobretudo pela convivência com meu avô, o maestro Waldemar Ernesto Hetzel, que foi uma figura central no desenvolvimento da música popular no RN. Cresci neste ambiente musical, convivendo com referências locais, ouvindo de tudo”, conta. Há quatro anos ela decidiu seguir a carreira como cantora. Foi em 2012, com o projeto “Influência do Jazz” que a voz de Bruna despertou os olhares do público e da crítica local. Hoje, a cantora faz de seu cotidiano nos palcos uma diversão em harmonia com sua arte. “Adoro conhecer pessoas e espaços diferentes que tenham um quê de criatividade, que fujam ao lugar comum. No fim de semana, procuro conciliar o agito da vida noturna com opções de lazer mais tranquilas. Na sexta, o Buraco da Catita continua sendo uma ótima opção. Gosto também de ouvir música em espaços como o Jobim Natal, o Ancouradouro, o Ateliê Flávio Freitas e o charmosíssimo Zen Bar, que fica na saída do Pium para Cotovelo e oferta um rico cardápio de opções culturais e gastronomia multi-étnica. No sábado, o Bardallo´s, e Nalva Café Salão por vezes abrigam atrações culturais interessantes, como shows de excelentes músicos locais, saraus poéticos, exposições de artistas visuais e mostras de cinema (a clássica parceria de Nalva com o Cineclube Natal rende mostras periódicas inéditas, que não

se encontram nas salas de cinema convenAdoro conhecer pessoas cionais. Vale a e espaços diferentes pena ficar de olho!). Ainda que tenham um quê de no sábado, o criatividade, que fujam Benditas Butedo lugar comum co sempre oferta um cardápio incrível associado a ótimas atrações musicais. ParajantartambémindicoobistrôLabiataqueéumlugarzinhosem igual,saboroso,aconcheganteecom uma vista única da praia de Ponta Negra. Ideal para um programa a dois! Em noites de agito, gosto de lugarescomooHell´seoBardoWesley (ex-Gringos), que sempre abriga amigos nas horas mais arrastadas. No domingo, um passeio pelo Parque das Dunas ao som instrumentaldoProjetoSomdaMata,uma ida ao teatro na Casa da Ribeira, no Barracão dos Clowns, ou no TCSol, um bom cinema, e a cada segundo domingo do mês o imperdível projeto Circuito Cultural Ribeira. O Maria Bonita Bistrô em São Miguel do Gostoso é a mais recente descoberta, que tem fomentado um circuito riquíssimo com o que há de melhor na música potiguar. Vale a pena conferir! Sou fã e estudiosa da obra do cineasta brasileiro Walter Salles. Recomendo toda a obra deste diretor, com especial atenção para ‘Terra Estrangeira’, ‘O Primeiro Dia’, e ‘Abril Despedaçado’, uma fábula sobre perdão e vingança. Para o fim de semana indico minha leitura do momento: ‘Todo Aquele Jazz’, de Geoff Dyer. Sinto falta de mais espaços e iniciativas culturais diurnas na cidade, exposições, museus, salas de cinema alternativas, etc.

Este é um serviço gratuito, oferecido aos leitores da TRIBUNA DO NORTE com objetivo de orientá-los na hora de escolher sua opção de lazer, roteiro gastronômico ou programa cultural de fim de semana. As informações de serviço contidas no caderno foram fornecidas por donos de bares, produtores, donos de restaurantes e casas noturnas. É importante checar antecipadamente, pois não nos responsabilizamos pelas mudanças de horários e preços.


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

a

3

RACHID’S

Imersão na culinária sírio-libanesa

A

cozinha sírio-libanesa do Rachid’s mudou de endereço há pouco menos de quatro meses. O espaço aumentou, e o cardápio também. Localizado agora em plena Rota do Sol de Ponta Negra, o restaurante do casal Suraya e Jihad Rachid ampliou as possibilidades do menu, e até o começo do próximo ano vai oferecer ainda mais novidades à sua fiel clientela. “No antigo endereço as pessoas chegavam e não tinha lugar pra sentar. A gente tinha que se mudar”, diz Suraya. Em dois anos de mercado, o Rachid’s já possuía uma clientela adepta dos pratos leves e perfumados da cozinha árabe. Feitos sem aditivos químicos e ingredientes processados, os pratos são artesanais e saudáveis. Carnes, frutas e legumes recebem especiarias e temperos típicos da Síria e do Líbano. Os pratos são montados praticamente às vistas do cliente, num buffet ao lado do caixa. O novo Rachid’s tem espaço para 144 pessoas sentadas, incluindo uma área externa com varanda e calçada, ao gosto dos natalenses. Os sanduíches no formato kebab ainda são os pratos mais pedidos. Há versões com recheios de camarões fritos, coalhada seca (labne), couve-flor com batata frita, e kafta (cordeiro). O cliente também pode montar seu próprio kebab, escolhendo recheios de carne, frango, misto e falafel (bolinho de grão de bico), molhos de pasta de alho, homus (pasta de grão de bico), babaghannuj (berinjelas com tahine), pimenta, hortelã, picles, pepino, etc. Preços: 13 e 18 reais. Saladas: o legítimo tabule, frango, e fatuche (pão frito, verduras e milho). As massas ao estilo árabe trazem como novidade a esfiha aberta de carne ou queijo, a esfilha fechada de carne ou espinafre, e o ‘araes kafta’ (cordeiro). Há agora versões em pratos únicos de clássicos como os kibes frito ou cru, homus, coalhada seca, mjadara (creme de lentilhas), charutinho de couve, falafel, mdardara (arroz com lentilhas), e couve-flor frita. Aos que desejam saborear um pouco de tudo, a casa criou “combos”, como o de dois kibes e falafels servidos com homus, babaghannuj, pasta de alho, salada, e um molho da casa. Os mes-

Depois de temporada de sucesso no mercado, Rachid’s inaugura restaurante próprio na Rota do Sol, e amplia os sabores árabes no cardápio

3

FOTOS: JOANA LIMA

1

2 1. Chef monta prato na hora em buffet do Rachid’s 2 -Preparação do kebab aberto 3 – O novo combo árabe: kibe, falafel, coalhada árabe, saladas e pastas 4 – Pasta babaghannuj 5 – Suraya e as filhas ajudam na organização do restaurante

mo acompanhamentos podem ir para a shawarma de carne grelhada, a shishstawauk (dois espetos de frango), charutos de repolho, e até um combo vegetariano.

O café vem aí Suraya e Jihad prometem para o começo de 2014 um espaço em forma de café onde serão servidos doces árabes. Antes de abrir o restaurante, o casal fazia bufês de cozinha árabe para eventos fechados. E foi devido à insistência e o incentivo dos clientes e amigos, que Suraya e Jihad resolveram apostar em um empreendimento aberto ao público. Os natalenses, mais viajados e curiosos na gastronomia mundial, adoraram o tempero. Serviço:

5

4

Rachid’s. Av. Estrela do Mar, 2231, Ponta Negra. Aberto de terça a domingo, das 18 às 0h. Aceita Visa, Master e Hiper. Tel.: 9922-9121.

www.tribunadonorte.com.br

FOTOS Confira imagens dos novos pratos do RAchid’s


4

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

VIDA NOTURNA E LAZER VLADEMIR ALEXANDRE

Nas Asas de Parnamirim e Festival de Música

Portal da Sustentabilidade

O tradicional espetáculo “Nas Asas da História” é o destaque na programação de fim de ano em Parnamirim. O tema deste ano é “Mestre Elpídio e seu Boi de Reis nos Destinos de Parnamirim”, e será apresentado de 15 a 22 de dezembro, em oito bairros diferentes, sempre às 20h. A direção é de Makários Maia, com texto de Malakia Barbosa e Ismael Alves Dumangues. O elenco é formado por 45 atores. Nos dias 13 e 14 (sexta e sábado), a Fundação Parnamirim de Cultura também promove o seu Festival de Música Alternativa, no Parque Aluízio Alves, das 14 às 22h. Dia 13 com as bandas Desecrator, Tribolts, Trópicos Reverso, Cabeça Quente e Comando Etílico. No dia 14, Adriano Azambuja, Violando a Base, O Bando, Lai Áurea, e Insigne Metal Ópera. Acesso gratuito.

O Complexo Cultural de Natal, na Zona Norte, realiza neste sábado o seu espetáculo de fim de ano: “O Portal da Sustentabilidade” reunirá apresentações de música, dança, teatro e artes marciais, com mais de cem pessoas, entre crianças, adolescentes, adultos e idosos, alunos dos cursos, oficinas e modalidades esportivas do CCN, se revezando em cena. O espetáculo será apresentado em duas sessões, às 17h e às 19h. Entrada: R$10. Este é o terceiro ano que o CCN realiza seu evento de encerramento das atividades anuais, com o objetivo de apresentar um pouco do foi ensinado aos alunos durante o período. Informações: 3232-6120.

Gato de Botas em Movimento A escola de dança Cia do Movimento apresenta de sexta até domingo “O Gato de Botas”, no Teatro Alberto Maranhão, espetáculo que finaliza o seu ano letivo. A adaptação do clássico de Charles Perrault conta a história do gato que, para pagar uma dívida em San Ricardo, convoca os amigos Humpty Dumpty (o Ovo) e a gata Kitty Pata Mansa. Eles partem em busca dos feijões mágicos. A peça utiliza movimentos de balé clássico, jazz, sapateado, dança do ventre e dança de rua. Hora: 19h (sexta/sábado) e 17h (domingo). Preços: R$40 (inteira) e R$20 (meia). Tel.: 3611-1152.

Espaço onde funcionou o pub Maranello foi totalmente reformado para dar lugar à nova boate

Para dançar de camarote Franquia de boate norte-americana Pink Elephant inaugura em Natal. Neste sábado, será para o público geral com presença de vários djs

P

ara futuros reis e rainhas do camarote: a boate americana Pink Elephant já inaugurou sua filial na capital potiguar, avenida Hermes da Fonseca, Tirol. Conhecida por fazer parte do circuito de casas noturnas de luxo, a Elephant pretende movimentar o roteiro de baladas natalenses oferecendo conforto, qualidade de som e luz, e atrações musicais em acordo com o estilo do ambiente. A boate está reservada hoje (sexta) para um evento fechado, mas reabre sábado para o público em geral, a partir das 22h. A boate natalense conta com

uma estrutura que lembra as boates antigas, com muitas mesas, sofás e camarotes, mesclando isso com a modernidade da iluminação toda em LED, e som de última geração. A programação deste sábado contará com os sons do DJ Elia Cabuz (PE), do local DJ Horácio, e do projeto eletrônico E-Fusion. Apesar de ser uma franquia internacional, o Grupo Maranello (responsável pela filial natalense), garantiu que a casa vai praticar preços compatíveis com a realidade local. A Pink Elephant é a única boate no Brasil oficialmente in-

dicada pela FIFA para a Copa de 2014. Esse “aval” levou a empresa a ampliar suas atividades no país, abrindo filiais em cidadessedes como Recife, Fortaleza e Salvador, além de Natal. As baladas requintadas da rede estão em várias partes do mundo, como Nova Iorque, Dubai, Las Vegas, Atenas e São Paulo. Serviço: Pink Elephant. Av. Hermes da Fonseca, Tirol (no antigo Maranello Bistrô). Vendas para o sábado na Yolla Village (Rua Apodi, 552, Tirol). Mais informações pelo 8118-0123.

Balé do Sesc Conta Outra Vez O Corpo de Baile do Sesc RN apresenta nesta sextafeira o espetáculo “O Sítio do Pica-pau Amarelo em uma viagem à terra encantada”, às 19h, no Sesc Zona Norte, em Santa Catarina. No palco, 300 bailarinos entre alunos e profissionais convidados, vão contar uma história que mistura Monteiro Lobato e pontos turísticos de Natal. Os tradicionais personagens do Sítio interagem em lugares como o Forte dos Reis Magos, Morro do Careca, dunas de Genipabu, Minas Brejuí, salinas de Macau, rio Potengi, e as serras. Antes, se apresentará o mágico Rian, que já venceu o concurso “Se Vira nos 30”, do programa Domingão do Faustão. Acesso gratuito.


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

5

GOURMETS Cervejeiros brindam suas

criações U

m brinde às cervejas especiais. É o que fará neste sábado a versão potiguar da Associação dos Cervejeiros Artesanais do Brasil – AcervA – num encontro a partir do meio-dia, na AABB. O evento celebra os três anos do grupo em Natal, e convoca associados, cervejeiros e apreciadores em geral para degustar a saborosa produção local, delicias que ainda não podem ser encontradas em lojas. As vagas são limitadas. Serão servidos nove estilos diferentes de cervejas artesanais, todas produzidas por integrantes locais da AcervA. Além disso, haverá ainda churrasco, refrigerante, água de coco e água mineral. Segundo os produtores, fazer um evento aberto são formas de celebrar e divulgar a incipiente cultura cervejeira da cidade. “Nosso

AcervA promove encontro neste sábado para comemorar três anos de atividades em meio a muitas geladas. A festa vai contar com degustação de cervejas artesanais elaboradas pelos associados EMANUEL AMARAL

objetivo não é comercial, não é algo ligado a lojas. Queremos gerar informação, expandir essa cultura”, afirma Adriano Miranda, tesoureiro da AcervA-RN. Há três anos a associação local realiza pequenas ações e encontros esporádicos, mais voltados para seus integrantes. Todos eles produzem cerveja de forma caseira, apenas para apreciação própria, de familiares e amigos. A matériaprima e o processo de produção fazem a diferença nas cervejas artesanais. São usados insumos como cevada maltada, lúpulo, levedura, centeio, trigo ou aveia. A cerveja artesanal usa os cereais maltados e o lúpulo in natura, enquanto as demais cervejas usam apenas a essência. A pasteurização da cerveja comum inibe a levedura da mesma, oca-

a

sionando perda de sabor, aroma e coloração. A maturação também é natural, dispensando os processos químicos. O resultado é uma bebida mais saborosaedequalidadesuperior.Ca-

da produtor segue uma “escola” de cerveja, entre a alemã, belga, inglesa eamericana.Osprodutorescaseiros ainda aguardam uma legislação que tornemaisamplooacessocomercial de suas delícias fermentadas.

Serviço: Três Anos da AcervA RN. Sábado, a partir do meio-dia, na AABB. Senhas a R$65, pelo número 8807-2565 e 8886-7806. Número de senhas é limitado.

Cozinha Italiana: Luna Rossa lança “Menu Tricolore’ em homenagem à Copa DIVULGAÇÃO

Um cardápio com os sabores e também as cores da Itália. O restaurante Luna Rossa já entrou no clima da Copa 2014, sintonizado com o anúncio da Esquadra Azurra num jogo em Natal, e lança neste domingo o seu ‘Menu Tricolore’: sempre neste dia, a casa lançará um prato especial que combinará as cores da bandeira italiana. “Todos os domingos teremos mudanças nos tipos de bruschettas, massas e molhos em relação ao Menu Tricolore. Além disso, estaremos lançando também vários tipos de pratos que farão parte de um cardápio especialmente

dedicado à Azzura”, ressalta a proprietária Patrizia Capitani. O primeiro menu ‘tricolore’ será composto por bruschetta simples, bruschetta porchetta e penne 4

formaggi. Preço: R$25. Já o primeiro prato criado em homenagem à seleção italiana é o ‘straccetti’, um filé mignon com rúcula, funghi secchi ao conhaque

gratinado com mussarela e parmesão al cartoccio com penne tricolore. O restaurante também lança nesta segunda (16) o seu rodízio “Non Stop”: terá vários tipos de brusqueta, massas de molhos diversos, e pizzas. Preço: R$25. A partir das 19h. O Luna Rossa é o único restaurante natalense a fazer parte da Associação Italiana Ristoranti Nel Mondo - Ciao Italia. Trata-se de uma entidade reconhecida internacionalmente, voltada à defesa e divulgação da qualidade e da tradição dos restaurantes italianos autênticos que operam no setor. A ONG valoriza e divulga no mundo

inteiro a tradição da gastronomia itálica. Desde a sua fundação em dezembro de 1982, o Ciao Italia estabeleceu como objetivo desenvolver o crescimento da gastronomia italiana em qualquer lugar do mundo e aumentar a valorização da cultura, junto a clientes, nos restaurantes e produtos italianos que valorizem a tradição da produção. Apenas 320 restaurantes no mundo fazem parte da associação. Serviço: Menu Tricolore do Luna Rossa. Lançamento neste domingo. Rua Acari, 11, Lagoa Seca. Tel.: 3213- 9327.


6

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

PROGRAMA

Música pra presente

A música está servida para o público, embalada em vários estilos e formatos: de recitais a shows em palcos abertos. E melhor: tudo gratuito! Tádzio França

REPÓRTER

U

m bom show de música oferecido gratuitamente é o tipo de presente que muita gente gosta de receber. O fim de ano é o momento em que isso costuma acontecer. O roteiro de eventos deste final de 2013 em Natal já começou a “desembrulhar” seus presentinhos especiais para o público. Além da programação do Natal em Cena, realizada pela prefeitura, há outras iniciativas que também oferecem boas atrações para apreciadores de arte com bons ouvidos. A trilha sonora do Natal pode ir além de versões de gosto duvidoso para “Happy Xmas”, e conter MPB, música erudita, bossa nova e outras melodias. Abra o pacote e ouça. A música do Natal em Cena está dividida em 2013 por dois palcos: um na zona sul, na Árvore de Mirassol, e outro na zona norte, no Ginásio Nélio Dias, Conjunto Gramoré. Nomes nacionais e locais dividirão a cena. A sexta-feira musical em Mirassol vai começar às 19h, com a Banda Sinfônica Corpo de Fuzileiros Navais, grupo Catita Choro & Gafieira, e às 22h, a natalense Roberta Sá soltará a voz. Na SITE OFICIAL

zona Norte, tem às 20h a peça “Natal: encruzilhada do mundo”, e às 21h, o espetáculo de dança “Entre gestos”. No sábado, a zona sul receberá a partir das 20h a peça “A estrada: o milagre da fé”, e às 21h, o show da Bossa e Jazz Street Band. Na zona norte, a banda Jerimum Jazz abrirá a noitada para Elba Ramalho, no palco a partir das 22h.

As musas Roberta Sá é uma atração nacional com identidade local. Nascida em Natal e radicada no Rio de Janeiro, a moça estourou no Sudeste e passou a ser figura cultuada pelos fãs de MPB de todo o país. Roberta despontou em 2002 no reality musical “Fama”, mas foi nos palcos e nos estúdios que seu trabalho foi reconhecido. Lançou “Braseiro” (2005), “Que belo estranho dia para se ter alegria” (2007), “Quando o canto é reza” (2010) e “Segunda pele” (2012), discos de pesquisas e composições elaboradas. Os fãs adoram canções como “Você não poderia surgir agora”, “Pavilhão de espelhos”, “Fogo e gasolina”, “Mais alguém”, entre outras. Roberta já se apresentou num Natal em Natal no ano de 2007, para mais de dez mil pessoas. O público dela não parou de crescer.

ì Roberta Sá é conhecida pelo repertório sofisticado, resultado de pesquisas e composições elaboradas. No show em Natal, ela reúne repertório de seus quatro discos. À direita, Elba Ramalho, que se apresenta no sábado, no pátio do Ginásio Nélio Dias, com abertura do Jerimum Jazz


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

7

PROGRAMA SITE OFICIAL

ì Roberta Sá é conhecida pelo repertório sofisticado, resultado de pesquisas e composições elaboradas. No show em Natal, ela reúne repertório de seus quatro discos. À direita, Elba Ramalho, que se apresenta no sábado, no pátio do Ginásio Nélio Dias, com abertura do Jerimum Jazz

Elba Ramalho, cantora e atriz paraibana, é a primeira musa popular/pop a sair do Nordeste. Chamou atenção ao participar do espetáculo “Ópera do Malandro”, de Chico Buarque, em 1978. Gravou “O meu amor”, e estourou. Gravou o primeiro disco em 1979, e não parou de emplacar hits ao longo das décadas de 80 e 90. Elba levou o xote, baião, forró e frevo para as massas. Tem sucessos como “Gostoso demais”, “De volta pro meu aconchego”, “Bate coração”, “Forró do xenhenhém”, “Banho de cheiro”, “Felicidade urgente”, “Chão de giz”, entre outros. Gravou um animado ao vivo em 2010, “Marco Zero”. O som não vai parar até às vésperas do Natal. No próximo dia 19, terá show de Antônio de Pádua, em Mirassol, e da Orquestra Sinfônica da EMUFRN, com “Vinícius, uma canção no ar”, em Gramoré. No dia 20 (sexta), destaque para Zeca Baleiro em Mirassol, e no dia 21 (sábado), o cearense Fagner, na zona norte. “Os shows foram dosados para unir popularidade e qualidade. Acreditamos que é um momento especial para a programação natalina na cidade, em música e teatro”, diz Fernando Yamamoto, diretor de programação, projetos e eventos da Funcarte.

SITE OFICIAL

Corais na Cidade Alta DIVULGAÇÃO

Violino Oriental A Semana do Violino 2013 promovida pela Escola de Música da UFRN encerra hoje (sexta) a sua programação, sendo a última oportunidade para conferir o trabalho do violinista chinês Song Qiang. O convidado especial do evento fará um recital de violino e piano, às 20h, no auditório Onofre Lopes. O curador do evento – e que vai acompanhar Qiang ao piano – Durval Ceset-

ADRIANO ABREU

ti, fala que o músico fará uma pequena homenagem ao Brasil no repertório. “Ele fez questão de aprender algum compositor brasileiro para o recital. Será uma peça de Camargo Guarnieri. Já toquei com ele na China, e o interesse dele pelo Brasil sempre foi grande. Ele está encantado pelo nosso país”, afirma. Song Qiang é uma jovem estrela em seu universo musical. Ele foi 1º colocado no ‘Internationaler Königin Sophie Charlotte Wettbewerb für Violine’ (Alemanha), e 2° no ‘Concorso Violinistico Internazionale Andrea Postacchini’ (Itália). É professor do Conservatório de Música de Tianjin, na China. “Não se trata de um evento só para aficionados por violinos. Qualquer pessoa pode vir e se emocionar com a música”, ressalta Durval.

DIVULGAÇÃO

Quem passar pela avenida Rio Branco nesta sexta-feira, poderá ouvir um som bem mais agradável que o do trânsito. Termina hoje (sexta), a programação do projeto Luzes da Cidade Alta, que trouxe uma série de apresentações de corais e orquestras locais para embalar o centro de Natal. O projeto será encerrado hoje, às 19h30, pela Orquestra Talento, e o grupo de viola caipira e rabeca. A produção ficou a cargo dos alunos do 6º período do curso de produção cultural, sob direção geral de Lerson Maia e Lourdinha Medeiros. A intenção do projeto é promover o acesso de transeuntes, visitantes e trabalhadores da área a bons produtos culturais.

move nesta sexta-feira um fim de manhã sonoro, ao som da Orquestra Potiguar de Clarinetas, às 11h30, na livraria da Cooperativa Cultural Universitária, na UFRN. No comando da orquestra está o professor João Paulo Araújo, que vai reger um repertório repleto de canções marcantes do ‘poetinha’, como “Aquarela”, “Eu sei que vou te amar”, “Chega de saudade”, “Garota de Ipanema”, “A felicidade”, entre outras. Haverá também leitura de poesias. Serviço: Natal em Cena: Sexta com Roberta Sá, às 22h, na Árvore de Mirassol. Elba Ramalho, sábado, às 22h, no Ginásio Nélio Dias. Recital de violino e piano com Song Qiang. Sexta, às 20h, na EMUFRN. Luzes da Cidade Alta, no IFRN Cidade Alta. Sexta, às 19h30, na Av. Rio Branco. Música na Livraria, especial Vinícius de Moraes. Sexta, às 11h30, na Cooperativa Cultural da UFRN.

Vinícius na Livraria Provando que ainda não é tarde para celebrar o centenário de Vinícius de Moraes, o projeto Música na Livraria pro-

+

PÁGINA 8 A virada começou mais cedo


8

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

MÚSICA

A Virada

RODRIGO SENA

começou mais cedo Circuito Cultural Ribeira amplia sua programação para ensaiar uma espécie de Virada cultural natalense, privilegiando também a música. As atrações são desdobradas entre sábado e domingo, em várias casas da Ribeira. Escolha a sua e vá dançar! EDU BARBOSA

RODRIGO SENA

T

eatro, balada, cinema, performance, cortejo, e algo mais estão no roteiro da Virada Cultural Natal, uma programação especial a partir do já conhecido Circuito Cultural Ribeira, que desta vez irá se desdobrar em dois dias – sábado e domingo – para celebrar sua despedida de 2013 com uma série de atrações espalhadas pelas ruas do velho bairro. O acesso é gratuito. A Virada está privilegiando a música na programação. No sábado a programação é a seguinte: no Armazém Hall, a partir das 19h terá as bandas Pedubreu, Arquivo Vivo, MC Priguissa, Sangueblues, e Orquestra Boca Seca. No DoSol, só rock de 18h3o em diante, com Inflamáveis , The Velociraptors, Sexy Drivers (PE), Camarones Orquestra Guitarrística, Red Boots, Riveros, Far From Alaska, Declite e Deluge Master. No salão de Nalva Melo, lançamento do livro “Navarro, um anjo feito sereno – Ensaio biográfico sobre Newton Navarro” de Sheyla Azevedo, às 19h, seguindo com Bruna Hetzel – A Influência do Jazz, Banda Quint, e um Revival Cassino do Chacrinha, em discotecagem e performance. No Ateliê de Flávio Freitas, o anfitrião dividirá os sopros com Gilberto Cabral, às 21h, seguidos da banda Conhaque com Tequila, e DJ. No espaço Gira Dança, “Um sorriso para ser feliz”, do próprio Gira Dança, “Bangular”, do Balé

Virada de domingo

RODRIGO SENA

Virada Cultural recebe várias atrações musicais: O Arquivo Vivo e o Sangueblues tocam no Armazém Hall; Já o maestro Gilberto Cabral dividirá os sompros com Flávio Freitas em seu ateliê da Duque de Caxias. No domingo, Camila Masiso anima o Armazém

da Cidade do Natal, Anízia Marques com “Só eu Sei”, – Bboys e Molejo do Corpo (Hip Hop), “Pra eu Parar de me doer”, e discotecagem e bboys em frente ao Espaço Gira Dança. Em plena Tavares de Lira, DJs a partir das 18h, com Dj Bee

(Indie), Dj Samir (HipHop), Dj Marcy (tribal), Danina Fromer (Baile Funk), Dj LariCosta (Eletro), e DJ Eddy (dubstep). Na Casa da Ribeira, mostra de vídeo-performance BodeArte, Coletivo ES-3 em “O que é performance?”, peça “BR-Trans”,

com Silvério Pereira/CE, “Dizer e Não pedir segredo”, de Kunyn /SP, e e 2° Festival de Cenas Curtas de Natal. No sábado ainda terá cortejo de lavagem do Beco da Quarentena às 18h, e mostra Urbanocine, às 19h, por trás do Museu de Cultura Popular.

A festa da virada continua no domingo. O som começa mais cedo, às 16h, no DoSol, com Dessituados, Lucky Gun, Diablo Motor (PE), e Fukai. No Armazém Hall, Gaby Viegas, Dudu Galvão e Camila Masiso. A Casa da Ribeira terá espaço infantil das 9 às 16h, com oficina de origami, feijoada às 12h, Tropa Trupe com “Tic Tac” , e “Flúvio e o mar”, dos Atores à Deriva; à noite terá as peças “Aquelas ali”, com Ana Claudia Viana e Adelvane Néia, e “Aquilo Que Meu Olhar Guardou Pra Você”, do Magiluth/PE. No Ateliê de Flávio Freitas, muita música a partir das 13h, com União Raiz Brasil (feijoada com mangue bit), Beto Rockfeller (rock e pop), Cidadão 193 (rock nacional), Plutão já foi um planeta, Emmily Barreto (discotecagem).

ì O QUE Virada Cultural Natal. Sábado e domingo, na Ribeira. Acesso gratuito


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

9

VIDA NOTURNA DIVULGAÇÃO

Natal, Encruzilhada do mundo

Vista Preto no Favela

O espetáculo “Encruzilhada do Mundo ou Sobre a Areia e o Vento” segue em temporada até sábado (14) na área externa do Ginásio Nélio Dias, sempre às 20h. Na próxima semana, o espetáculo será apresentado em Mirassol, de 19 a 21. A história: numa cidade rodeada pelas dunas e pelo mar, um hangar vira encruzilhada do mundo, de vidas e dos tempos. Dentro deste hangar, um avião grande o suficiente para que nele caibam todos os sonhos. É livremente inspirada pela(s) história(s) de Natal, do período de 1902, ano em que o pioneiro da aviação Augusto Severo morre em Paris, até 1955, período cinza seguido do brilho da Segunda Guerra Mundial. A dramaturgia de Luana Menezes (Bololô Cia. Cênica/RN), construída em processo colaborativo com os coletivos e direção.

O Favela Pub faz nesta sexta a festa “Dress Black”, com todo mundo de roupa preta, ao som da banda D’Vibe, e dos DJs Felipe BZ, Shato, e Jovick vs Diniz. No sábado terá a Funfarra, com a Banda Dubê e Valber e banda, em noitada sertaneja. O som começa às 23h. Onde: R. Mossoró com a Rodrigues Alves, Petrópolis.

“Milagre da Fé” em Mirassol “A Estrada ou O Milagre da Fé” será apresentado sábado, às 20h, em Mirassol. E segue na próxima semana para o ginásio Nélio Dias. A história a ser contada abordará o nascimento do menino Jesus sob um aspecto diferente, discutindo a própria condição de existência e convívio dentro da arte. A peça conta a história da trupe mambembe Os Atores do Sol, que chega a Natal para encenar “O Nascimento de Cristo”. Há uma crise interna, alguns filhos querem deixar a vida do teatro, e os ânimos ficam acirrados com a chegada de uma jovem acolhida pela trupe.

Dance e Sertanejo no Pepper’s

Para esse espetáculo, Jessier Quirino oferece cenário e músicos de primeira linha

Jessier Quirino

convoca a vizinhança

Permeado de poesia, erudição e música, “Vizinhos do Grito” retrata o relacionamento dos que vivem próximos, seja no mesmo bairro ou rua. Jessier Quirino aproveita a “deixa” para lançar seu novo livro “Papel de Bodega”

O

sertão erudito cheio de poesia e humor do paraibano Jessier Quirino está de volta a Natal para ser descrito em verso e prosa no novo espetáculo musical, “Vizinhos do grito”, sexta e sábado, às 21h, no Teatro Riachuelo. Em ritmo de recital, Jessier será acompanhado por uma banda, e também vai lançar na ocasião o novo livro, “Papel de bodega”. “Vizinhos do grito” deu origem ao primeiro DVD de Jessier Quirino. Para esse espetáculo ele traz um grande cenário, ao lado do acompanhamento de músicos de primeira linha, que dão um tom solene e divertido ao recital. O poeta se apresenta con-

tando causos, poesias e canções autorais, que vão do interior ao litoral. A apresentação retrata a proximidade entre vizinhos e seus relacionamentos, sejam eles companheiros de janela, de terreiro, de parede-e-meia, de cidade, etc. O show terá canções inéditas como “Obra inacabada de uma colher de pedreiro”, “Coco do pé de manga” e “Papel de bodega”. Jessier defende a prosa nordestina a “golpes de declamação”, como costuma dizer. Poeta, escritor, compositor e artista de palco, Quirino é considerado mais um abridor de veredas poéticas e musicais no sortido território das artes nordestinas.

ì O QUE Jessier Quirino em “Os vizinhos

A sexta do Pepper’s Hall será dos beats, com a banda Yow, com suas versões de rap e house hits ao vivo, além do projeto Feel Strings, com o DJ AK Baumgartiner e o violinista Adriano Martins, e do DJ Biel Carvalho. No balada sertaneja com os pernambucanos da Soul Sertanejo, Caddu Rodrigues e Thiago Teixeira. Onde: Av. Eng Roberto Freire, Ponta Negra. Tel.: 3236-2886.

Rita de Cássia Agita o Rastapé O Rastapé segue com sua programação forrozeira aos fins de semana. A musa forrozeira Rita de Cássia é o nome de destaque nesta sexta, que tem ainda Jair e Forró Melado, Forró Legal e Moacir do Repente. No sábado tem Forró do Sheik, Forró Selado, Jarbas do Acordeon e Moacir do Repente. Rua Aristides Porpino, 2198, Ponta Negra. Tel.: 3219-0181.

do grito”. Sexta e sábado, às 21h, no Teatro Riachuelo. Preços? R$80/40 (plateias, frisas e balcões) e R$120/60 (camarotes). Tel.: 4008-37

QUEM Jessier Quirino é poeta, esritor e arquiteto. Além dos shows, tem oito livros lançados. Papel de Bodega tem canções e causos interioranos, que valorizam muito o sentimento de quem está longe da cidade.

DJ Lobinha na Vogue Sexta-feira na Vogue tem sons da banda Mariloh e Forró Tentação, DJs Lobinha, Raffa Dub e Debx (PE), e França. No sábado, bandas Uskaravelho e Forró M&C, DJs Lobinha, França, Raffa Dub e Debx, e show com Stripperella (SP). Entrada: R$15 (até 0h). Rua José Agnaldo de Barros.


10

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

CINEMA FOTOS: REPRODUÇÃO

Martin Freeman, como Bilbo, vive cenas mais espetaculares ao lado dos ‘hobbits’. A elfa arqueira Evangeline Lily é novidade na segunda parte da trilogia

Mais magia em

LUIZ CARLOS MERTEN

O

que é melhor que bom? Ótimo. Quando entrevistou o trio de atores de “Hobbit - A Desolação de Smaug”, num hotel do Soho, em agosto, o repórter ainda não havia visto a segunda parte da nova trilogia de Peter Jackson. De volta a J. R R. Tolkien e à Terra Média. Naquele momento, foi possível somente ver o material promocional que já estava na internet, incluindo a agora já clássica cena dos barris levados pela correnteza (com os anões dentro). Ela já se destacava como a mais movimentada e excitante de “A Desolação de Smaug”. Como disseram dois dos atores envolvidos na cena - Richard Armitage e Orlando Bloom, o anão Thorin e o elfo Legolas -, ela virou a menina dos olhos de Jackson. “Filmamos durante 12 semanas. E eu quase morri afogado”, confessou Armitage. É estranho conversar com um gigante de quase dois metros que aparece comprimido, digitalmente, na tela para representar um anão. Armitage conta que quase havia morrido afogado na cena do submarino de “Capitão América”, como o espião que tenta escapar do herói. “É um complô de Hollywood: eles querem me matar”, brinca. A cena dos barris na água é

“O Hobbit” De volta a J. R R. Tolkien e à Terra Média, segunda parte da trilogia do diretor Peter Jackson traz mais ação e um pouco de romance uma mera referência no livro de Tolkien, “O Hobbit”, mas Jackson imediatamente percebeu seu potencial cinematográfico. Ela deveria terminar o primeiro filme, quando o projeto de “O Hobbit” ainda era um díptico. Ao expandir sua narrativa e transformar os dois filmes previstos em três, Jackson jogou os barris na correnteza para a metade do segundo filme. “A Desolação” começa explicando o motivo pelo qual os anões precisam de um ladrão - Bilbo - para levar adiante seu plano de reconquistar a cidadela de seu povo, agora ocupada pelo dragão. A importância da pedra de Arken é rapidamente estabelecida. “Peter (Jackson) é um grande narrador e o melhor de ele ter transformado os dois filmes em três foi que a luta de Thorin pa-

ra restabelecer a glória de seus ancestrais ganhou em profundidade psicológica”, diz o ator. O personagem tinha algo de bidimensional, agora é verdadeiramente humano, ou o que se supõe que seja um humano. “Thorin estabelece sua liderança, e ela não é tranquila. Se as coisas podem piorar com ele, você pode ficar certo de que pioram “ E a cena dos barris? “Peter construiu um set com a correnteza na área aberta dos estúdios de Wellington (Nova Zelândia). Mas imagens também foram captadas num fiorde da Islândia e em CGI (efeitos digitais). O que posso dizer é que me molhei bastante. E quase morri ao ficar preso no barril.” Como foi se preparar - um gigante - para caber num anão? “Peter me deixou confortável. Disse que não devia pensar como

anão, porque Thorin tinha um ego imenso e pensava como gigante”, e Armitage ri. Orlando Bloom chega para a entrevista com seu cachorro, que cheira os jornalistas antes de se deitar entediado, num canto da sala. Como foi a volta de Bloom à Terra Média? “É curioso, porque se trata de um universo perfeitamente conhecido, mas que se renova. Peter (Jackson) conhece tanto o universo de Tolkien que consegue ser fiel a ele mesmo ao se distanciar. ‘O Hobbit’ do cinema não é exatamente o do livro. Mas o que ele acrescenta soma à história e aos personagens.” É verdade - e o público, sabendo disso, corresponde. O primeiro filme da nova série faturou mais de US$ 1 bilhão. Uma fábula de dinheiro. Passaram-se 12 anos do primeiro “O Senhor dos Anéis - A

Irmandade do Anel”, e agora Legolas é mais jovem (se bem que a idade não conta para os elfos)? “Peter não achava que fosse um problema. E o que sinto é que, na marcha a ré temporal, lançamos os fundamentos do personagem. Há uma história de amor que não se desenvolve para Legolas.” Essa história é uma invenção de Jackson. Kili, o anão, é atraído pela arqueira Evangeline Lilly (e ela corresponde). É lindo, mas poderia ter havido uma história entre Tauriel e Legolas, se não fosse o pai dele. Lee Pace é quem faz Thranduil “É divertido ser o pai de Orlando. Sou mais novo, eu deveria ser o filho” (risos) Thranduil será um grande rei, mas isso está ligado à batalha do terceiro filme. Aqui, consigo me indispor com todo o mundo. Mas cresço no terceiro.”


Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

CINEMA

★ RUIM ★ ★ REGULAR ★ ★ ★ BOM ★ ★ ★ ★ ÓTIMO ★ ★ ★ ★ ★ EXCELENTE l ESTREIA

l CARRIE, A ESTRANHA (16 anos, dublado e legendado) Moviecom 1. Sessões 15h20, 17h30, 19h40, 21h50 / Cinemark 3. Sessões 14h35, 16h50, 19h10 (exceto ter/qui), 21h40 / Cinépolis 6 Norte Shopping. Sessões (dub) 17h, 21h15. Carrie (Chloe Moretz) é uma adolescente oprimida pela mãe, Margaret White (Julianne Moore). Fanática religiosa e superprotetora, ela faz da adolescência da filha um inferno. Tímida, problemática e atormentada pelos colegas de escola, Carrie não consegue levar uma vida normal. O que ninguém sabe é que Carrie carrega um segredo: ela é capaz de usar poderes telecinéticos. Suas habilidades vêm à tona quando ela é humilhada no baile de formatura do seu colégio. A partir daí, coisas horríveis começam a acontecer.

Direção: Kimberly Peirce

★★★ ÚLTIMA VIAGEM A VEGAS (14 anos, dublado e legendado) Moviecom 2. Sessões 14h50, 17h05, 19h20 e 21h35 / Cinemark 6. Sessões (dub) 15h25 e 21h / Cinemark 6. Sessões (leg) 12h50, 17h30, 22h10/ Cinépolis 5 Natal Shopping . Sessões (leg) 15h, 19h45/ Cinépolis 6 Norte Shopping. Sessões (dub) 14h45 e 19h. Quatro amigos quase setentões decidem fugir da casa de repouso e dar uma festa de despedida de solteiro em Las Vegas para o único deles que ainda é solteiro. Direção: Jon Turteltaub ★★★ JACKASS - VOVÔ SEM VERGONHA (14 anos, legendado) Moviecom 3. Sessões (leg) 14h e

11

19h/Cinépolis 6 Natal Shopping. Sessões (leg) 19h e 21h15/Cinépolis Norte Shopping 5. Sessões (leg) 19h15, 21h45. Irving Zisman, de 86 anos está fazendo uma viagem pelos Estados Unidos com seu neto de oito anos. Tudo parece normal, mas este idoso é na verdade um personagem de Jackass e o garoto poderá fazer tudo o que sonhou, ou seja, beber, fumar e encontrar stripers. Direção: Jeff Tremaine.

★★★★ JOGOS VORAZES EM CHAMAS (14 anos, dublado e legendado) Moviecom 3. Sessões (leg) 16h e 21h / Moviecom 5. Sessões (dub) 13h30 (sab/dom) e 18h50 / Cinemark 5. Sessões (leg) 12h10, 18h, e 23h20 (sab). Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence)

retorna a salvo, depois de ter ganhado o 74º Jogos Vorazes com o colega Peeta Mellark. Vencer significa que eles devem retornar e abandonar sua família e amigos próximos, embarcando na “Turnê da Vitória” nos distritos. No decorrer do percurso, Katniss sente que uma rebelião está em ebulição, mas o congresso continua fortemente no controle, ao mesmo tempo que o Presidente Snow prepara o 75º Jogos Vorazes, uma competição que pode mudar Panem para sempre. l O HOBBIT: A DESOLAÇÃO DE SMAUG (14 anos, dublado e legendado) Moviecom 4. Sessões (dub) 14h, 17h15, 20h30/Moviecom 6. Sessões 3D (leg) 21h/Moviecom 6 Sessões 3D (dub) 14h30, 17h45/ Cinemark 6. Sessões 3D (dub) 11h30, 14h50, 18h30, 22h/ Cinemark 2. Sessões 3D (leg) 11h30, 14h50, 18h30, 22h /Cinemark 7. Sessões (dub) 17h10, 20h40/ Cinemark 7. Sessões (leg) 17h10, e 0h10 (sab) / Cinépolis 1 Natal Shopping. Sessões 3D (leg) 18h, 21h30 / Cinépolis 1 Natal Shopping. Sessões 3D (dub) 14h30 / Cinépolis 1 Norte Shopping. Sessões 3D (dub) 14h30, 18/Cinépolis Norte Shopping 3D (leg). Sessões 21h30. Bilbo, os anões e Gandalf continuam sua jornada depois de serem salvos pelas águias nas Montanhas Sombrias e se encontram com Beorn, um troca-pele, que pode se transformar em um urso enorme. Depois disto eles continuam até a Floresta das Trevas, onde Gandalf os abandona. Eles precisam roubar Smaug, um dragão que há muito tempo saqueou o reino dos anões do avô de Thorin e que desde então dorme sobre o vasto tesouro. Direção Peter Jackson.

★★★★ THOR 2: O MUNDO SOMBRIO (10 anos, dublado e legendado) Moviecom 5. Sessões (leg) 16h30, 21h45. Thor (Chris Hemsworth) luta para salvar a Terra e os Nove Reinos de um inimigo sombrio, mas uma antiga raça liderada pelo vingativo Malekith (Christopher Eccleston) retorna para levar o universo de volta às trevas. Enfrentando um inimigo que nem mesmo Odin (Anthony Hopkins) e Asgard são capazes de derrotar, Thor embarcará em sua jornada mais perigosa e pessoal que o reunirá Jane Foster (Natalie Portman) e o forçará a sacrificar tudo para salvar a humanidade. Direção: Alan Taylor ★★ CRÔ, O FILME (12 anos, nacional) Moviecom 7. Sessões 14h, 16h, 18h, 20h e 22h / Cinemark 1. Sessões 13h, 15h, 17h10, 19h20 (exceto ter/qui), 21h30, e 23h40/ Cinemark 2. Sessões 12h (sab/dom), 14h, 16h10, 18h20, 20h25, 22h25 / Cinépolis 2 Natal Shopping. Sessões 13h45, 16h, 18h15, 20h30/Cinépolis 3 Norte Shopping. Sessões 15h45, 17h45, 20h, 22h. Após herdar uma fortuna, Crodoalvo Valério, mais conhecido como “Crô”, não quer apenas uma vida de milionário. Decidido a encontrar uma nova paixão, ele inicia uma busca entrevistando diversos tipos de mulheres. Direção: Bruno Barreto

★★★ BONS DE BICO (Livre, dublado) Cinemark 7. Sessão 14h50 Jake e Reggie são dois perus com grandes diferenças e poucas afinidades. Mas o destino unirá essas duas figuraças, quando eles terão que viajar no tempo juntos para mudar os rumos da história e fazer o impossível: impedir que os perus se tornem o prato tradicional do Natal. Direção: Jimmy Hayward. ★★★ COMO NÃO PERDER ESSA MULHER (16 anos, dublado e legendado) Cinemark 4. Sessões (leg)11h30 (sáb/dom), 13h50, 16h, 18h10, 20h15 e 22h20 / Cinépolis 5. Sessões (leg) 17h14, 22h. Jon Martello (Joseph Gordon-Levitt) é um cara sedutor, considerado um verdadeiro Don Juan moderno pelos seus amigos. Poucas coisas lhe interessam além de seu corpo, sua casa, seu carro, sua família, seus amigos, suas mulheres, e claro seus vídeos pornôs da internet. Até que Barbara (Scarlett Johansson) aparece em sua vida mudando-a completamente. Direção: Joseph Gordon-Levitt ★★★ UM TIME SHOW DE BOLA (Livre, dublado) (3D) Cinemark 7. Sessões 3D: 12h20 e 17h20 / Cinépolis 6 Natal Shopping. Sessões 14h, 16h30 / Cinépolis 5 Norte Shopping. Sessões (dub) 14h15, 16h45. Amadeo, um jovem tímido e talentoso, tenta reunir seu time de futebol de pebolim, após uma separação.Sua ideia é juntar os amigos para finalmente superar The Champ, seu maior adversário. Diretor: Juan José Campanella ★★★ TATUAGEM (16 anos, nacional) Cinemark 1. Sessão 19h10 (ter e qui) Recife, 1978. Clécio Wanderley (Irandhir Santos) é o líder da trupe teatral Chão de Estrelas, que realiza shows repletos de deboche e com cenas de nudez. A principal estrela da equipe é Paulete (Rodrigo Garcia), com quem Clécio mantém um relacionamento. Um dia, Paulete recebe a visita de seu cunhado, o jovem Fininha (Jesuíta Barbosa), que é militar. Encantado com o universo criado pelo Chão de Estrelas, ele logo é seduzido por Clécio. Não demora muito para que eles engatem um tórrido relacionamento, que o coloca em uma situação dúbia: ao mesmo tempo em que convive cada vez mais com os integrantes da trupe, ele precisa lidar com a repressão existente no meio militar em plena ditadura. Direção: Hilton Lacerda ★★★ MEU PASSADO ME CONDENA (12 anos, nacional) Cinemark 7. Sessões 19h40 e 21h55. Com apenas um mês de namoro Fábio e Miá resolvem se casar e passar a lua de mel em um cruzeiro até a Europa. O problema é que na viagem eles encontram seus respectivos ex-namorados, Julia e Tiago, agora casados e também em lua de mel. Direção: Júlia Rezende.


12

Natal - Rio Grande do Norte Sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

MEDITANDO NA ADEGA

Gilvan Passos [gilvanpassosvinhos@gmail.com]

FOTOS: DIVULGAÇÃO

ì

aaaaaaaaaa sdf sdfsda

Vinho dos Sonhos

Breve história do grande

Penfolds Grange

A grandiosidade da Austrália no mundo do vinho não seria a mesma sem esse Shiraz (Syrah) suculento, mesclado com uma pequena parcela de Cabernet Sauvignon, que foi produzido pela primeira vez em 1951 pelo genial Max Schubert

S

eguramente a Austrália vinícola não seria a mesma, não teria um estilo próprio de vinho, nem uma casta emblemática, se não existisse o Penfolds Grange. Um Shiraz (Syrah) suculento, mesclado com uma pequena parcela de Cabernet Sauvignon, que foi produzido pela primeira vez em 1951 graças à obstinação do genial Max Schubert, enólogo da casa na ocasião, em produzir um vinho de mesa aos moldes dos grandiosos Bordeaux da época. Os vinhos de mesa australianos de então, eram leves e ligeiros, ou fortificados, tipo Porto e Madeira, regra da qual não fugia a Vinícola Penfolds, fundada em 1844 em Magill, pró-

ximo a cidade de Adelaide, pelo médico inglês Dr. Christopher Rawson Penfolds. Da safra experimental (1951), foram feitas apenas cinco barricas, sendo quatro de carvalho americano novo, onde o vinho estagiou 18 meses, e uma barrica de madeira usada, para poder comparar os resultados. Com a sucessão das safras e o acúmulo de garrafas na adega, a direção da vinícola impôs que o vinho fosse comercializado, mas uma prova vertical das safras 1952 a 1956, realizada por formadores de opinião em Sydney, taxou o vinho (forte para os moldes da época) de desastre, ridicularizando Schubert e a Penfolds. A direção decidiu por

fim a produção do Grange, mas Schubert continuou produzindo na clandestinidade as safras 1957, 1958 e 1959. O tempo em garrafa fez melhorar as safras 52 a 56, quando, pela 1ª vez, em 1962 o Grange participou de um concurso em Sydney com a safra 1955 que ganhou medalha de ouro e viria a ganhar mais 50 outras medalhas de ouro até 1977 em concursos internacionais, consagrando o Grange como o melhor vinho da Austrália e um dos melhores do mundo, dando notoriedade territorial e internacional a casta Shiraz (Syrah). O enólogo Max Schubert morreu em 2004 com status de herói nacional pelo seu feito. Antes, em 1976 Schu-

bert passa a batuta para o enólogo Don Ditter, em 1986, este transfere o poder para John Duval, que em 2002 o transfere para Pedro Gago, atual enólogo chefe da Penfolds. O Grange ou Penfolds Grange como é conhecido, é um vinho produzido com uvas de vários vales do sul da Austrália e matura por 18 meses em carvalho americano novo, apresentando-se negro na cor, com aromas de frutas negras: ameixa e cassis, chocolate, baunilha e especiarias. Na boca é suculento, amplo, equilibrado e persistente. Na gastronomia pede pratos de sabor muito intenso para fazer frente aos seus potentes taninos. Um vinho de meditação.

Na vertical de Penfolds Grange com sete safras: 1992, 1993, 1999, 2002, 2004, 2005 e 2008, o vinho destaque na opinião unânime dos confrades foi o 93, que com duas décadas de vida encontrava-se pleno, com cor ainda intensa, nariz muito complexo, difícil de verbalizar, taninos presentes, porém polidos, acidez correta e boca aveludada. Uma degustação sui generis desse grande ícone em nível de Nordeste. A mais completa e empolgante degustação vivenciada pela confraria dos Acadêmicos do Vinho dentre tantas outras especiais já feitas. O evento aconteceu no último dia 30/11 na Grand Cru Natal. Os vinhos foram todos comprados no mercado externo, especialmente no mercado americano, e trazidos a tira-colo pelos participantes.

Mostra de Vinhos de Verão A Vinhedos antecipa o verão em pleno Natal através de uma Mostra de Vinhos com 12 rótulos, entre espumantes, vinhos brancos, rosados e tintos de verão. Um evento gratuito, com vinhos incomuns para o público que pretende consumir o melhor na estação mais quente do ano. A Mostra acontecerá no dia 14 de dezembro (sábado) das 11h às 14h no novo Wine Bar Vinhedos, na Prudente de Morais. Os interessados em participar deste evento imperdível deverão entrar em contato com uma das lojas: Midway, Prudente ou Natal Shpping e fazer sua inscrição. Informações pelo fone: (84) 32139080


Tribuna do Norte - 13/12/2013