Page 1

Distribuição Gratuita - outubro/Novembro 2010 - edição 1

Entrevista Ministro do Turismo, Luiz Barretto Destino em alta - FLÓRIDA Toda a animação de um dos estados que mais recebe turistas nos EUA DICAS DE VIAGEM O que fazer quando se perde a mala ou a viagem é longa

GRAMADO

A história e a fama de um dos locais mais requisitados do Rio Grande do Sul


editorial

Palavra do Presidente

A

migos, Aqui em nossa empresa temos um hábito de colocar muita energia em tudo que fazemos. Vibramos com cada conquista e valorizamos muito o esforço extra de cada colaborador, fornecedor ou cliente. Acreditamos que seguir em frente é uma forma de viver e enfrentar a vida com entusiasmo e confiança e durante nossas trocas de energias, espontaneamente, nasce o Segue Viagem. Segue Viagem é uma expressão que usamos muito aqui na TREND quando queremos dar ritmo, velocidade, dinâmica, evolução e sentido positivo a qualquer coisa. Por isso, depois de muitos encontros e reuniões do nosso pessoal de marketing, caímos no óbvio do nosso dia-a-dia, e que melhor retrata a TREND do amanhã: Segue Viagem. Conteúdo de qualidade, leveza na informação, dicas importantes, belos destinos, colunistas exclusivos, parceiros estratégicos, temas de interesse dos agentes de viagens, grandes oportunidades e, claro, muita descontração. Enquanto as pessoas julgam que a TREND é uma empresa focada em vendas, continuamos centrados em nossa missão de ajudar nosso cliente a comprar, através de facilidades, otimização do tempo e observância da rentabilidade. Criar, reinventar, adequar, ouvir, superar, gerir, inovar são mais que expressões para nós, são lemas. Acreditamos fortemente que conhecimento não ocupa espaço, amplia; que deter habilidades não é ser diferente, e sim, fazer a diferença; e que atitude é querer fazer de verdade e de cabeça erguida. Tomara que consigamos superar as nossas próprias expectativas com mais uma iniciativa focada na capacitação e desenvolvimento dos nossos clientes, agentes de viagens. Até porque, Viagem é com agente! Um forte abraço, Luis Paulo LUPPA Diretor Presidente

Expediente A Revista Segue Viagem é uma publicação da TREND Operadora. Internet: www.trendoperadora.com.br. Tiragem: 10.000 exemplares. Projeto gráfico e Diagramação: Tatiana Barboza. Jornalista Responsável: Stevan Lekitsch (MTB 36.017 SP) - imprensa@trendoperadora.com.br. Redação: Alexandre Minghini e Stevan Lekitsch. Impressão: HR Gráfica. Colaboradores:AlessandraAssad,Alexandre Camargo,Maurício Góis,Nilda Brasil e Raul Candeloro. Marketing – Gerente: Ana Kuba. Assistente: Talita Andrade. Equipe de criação: André Torres, Bruno Matinata, Fernando Figueiredo e Leandro D´Angelo. Contato publicitário: Fernanda Reina - (11) 3123.8555 - Ramal 1074 - publicidade@trendoperadora.com.br. Distribuição Gratuita.


Descubra

o melhor do Recife com a com a

TREND AS TARIFAS ECONÔMICAS RECIFE PLAZA HOTEL Diárias a partir de:

SGL R$

90,00

DBL R$

100,00

RECIFE PRAIA HOTEL Diárias a partir de:

SGL R$

110,00

DBL R$

110,00

Reservas Nacionais São Paulo: 55 11 3123 0333 Outras localidades: 0800 770 8555 www.trendoperadora.com.br


editorial

Conselho de Amigo palavra dos conselheiros

A

vançar. Crescer. Progredir. Essas são as palavras que mais estão sendo pronunciadas dentro da TREND ultimamente. Quando voltamos para trás, para o início dos anos 90, lembramos quando a TREND Fairs ocupava uma pequena sala da Rua Dom José Gaspar. Depois, mudou-se para o prédio que ocupa hoje, ainda numa tímida sala do quarto andar. Hoje são seis andares ocupados. Este é o mais visível termômetro de todo o crescimento pelo qual a TREND passou nesses anos todos. E esse crescimento tem sempre um só objetivo: atender cada vez mais e melhor o agente de viagens. E a revista Segue Viagem faz parte desse objetivo. Fornecer informações, nortear destinos, contribuir com dicas é a intenção desse novo projeto: deixar o nosso fornecedor cada vez mais bem informado. Por isso somamos esforços para criar essa publicação inovadora em seu conteúdo. Queremos que a revista Segue Viagem seja uma bússola, uma orientação para o agente de viagens ficar por dentro do que está em alta, do que é bom oferecer. Por isso ela está cheia de matérias sobre destinos e hotéis. Esperamos que ela seja mais uma ferramenta para auxiliar nas vendas do agente de viagens e um estímulo para os clientes. Aproveitem!

José Anjos

Diretor Conselheiro

Washington Preti Diretor Conselheiro


54

As mais recentes novidades

28

Espaço TREND

48

Cachaçaria Carvalheira

24

Consumo

Festival Gastronômico de Gramado

44

Gastronomia

18

O que saber e fazer durante a viagem

40

Experiências de viajante, CURIOSIDADES e Saúde

36

Crowne Plaza Los Angeles

12

TREND Indica no exterior

32

Shore Club e Delano em Miami e condomínios em Orlando

08

Hotel Internacional em Destaque

Flórida tem muita animação e Turismo

Destino Internacional em Alta

TREND de mãos dadas com o Sistema Reserve

Parceria

Fiesta Bahia Hotel

TREND Indica no Brasil

Saiba mais sobre o Encantos do Sul e Gramado Portal

Hotel Nacional em Destaque

Gramado: um pedaço de Europa no Brasil

Destino Nacional em alta

As opiniões de profissionais especialistas em Turismo e em turístas

Colunistas

Os novos rumos do Turismo na palavra do Ministro Luiz Barretto

Entrevista

Sumário

31

58


ENTREVISTA

l i s rao, , B n m r U ode ticado m fis ivo e te sovent eten p in com

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

io A Serg

al / mar

MTu

r

L

8

do o r ist n i uiz L M , o O m s i FALA Tur o T ois ret r d a B E OS fios SOBR desa la s pe de n M gra PAÍS TE opa e E O uma C ada QU e: t impí l n e O fr a um

uiz Barretto, Ministro do Turismo, é paulistano, formado em Sociologia pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo. Foi nomeado para o cargo pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 21 de setembro de 2008 após exercê‐lo interinamente por três meses em substituição a Marta Suplicy. Antes, estava no Ministério do Turismo (MTur) como secretário‐executivo. Com experiência no Sebrae, Fundação Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados) e no Cedec (Centro de Estudos de Cultura Contemporânea), e dentro das Prefeituras de São Paulo, São Vicente e Osasco, é atualmente um dos políticos mais requisitados, por conta das recentes conquistas brasileiras, a Copa do Mundo de 2014, que acontece em 12 cidades do país, e os Jogos Olímpicos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro. Luiz Barretto já é conhecido pela sua simpatia e acessibilidade, e esteve presente nos dois Workshops TREND, tanto em Recife (PE) quanto em Atibaia (SP). Em entrevista exclusiva para a revista Segue Viagem, ele fala sobre os desafios para esses dois grandiosos eventos, e dá informações preciosas, para agentes de viagens e hoteleiros. Confira!

Quais são as ações do MTur visando à realização da Copa de 2014 e Olimpíadas de 2016 para o Brasil? O MTur começou a se preparar para a Copa desde que o Brasil foi eleito país-sede da edição de 2014. O nosso plano de trabalho prevê quatro eixos de atuação: ações para promoção nacional e fortalecimento da imagem do país, em parceria com a Embratur; ações para a qualificação profissional do receptivo turístico, o que inclui treinamento de trabalhadores da cadeia produtiva, empresários e gestores públicos; articulação de linhas de crédito para reforma e ampliação da capacidade do parque hoteleiro instalado; e investimentos em infraestrutura dos destinos turísticos, o que inclui obras de acesso, sinalização e estruturação de atrativos em todo o país.


Uma dessas iniciativas foi a criação da linha de crédito

anúncios pagos. Sem falar na credibilidade emprestada ao país pelos jornalistas que assinaram as reportagens.

BNDES ProCopa

Vamos trabalhar para amplificar e potencializar o efeito da exposição que o país terá. Investiremos US$ 30 milhões até o final de 2010 em ações como publicidade em TVs, veículos impressos, internet, mídias sociais, ações de relações públicas com a imprensa internacional, painéis em aeroportos e outdoors em 15 países, aplicativos para telefone celular, publicações e material promocional sobre os principais destinos turísticos brasileiros e em especial as 12 cidades-sede e promoção em eventos turísticos em cerca de 30 países.

Turismo, no valor inicial de R$ 1 bilhão.

Sergio Amaral / MTur

O marketing que esses grandes eventos mundiais vão proporcionar ao país, pode torná-lo um novo destino turístico famoso mundialmente? O Brasil é conhecido pelas belas paisagens, praias e florestas exuberantes. Cada vez mais, porém, os turistas serão atraídos por um país cuja identidade não se esgota nos seus atributos naturais e culturais. É preciso agregar a essa imagem as outras caras de um país que oferece oportunidades de negócios, um rico patrimônio arquitetônico, profissionais e empresas arrojados, infraestrutura e serviços de qualidade. Um Brasil moderno, sofisticado, inventivo e competente. A promoção do Brasil, visando à Copa do Mundo, não se restringe ao turismo. O país se mostra como um mosaico complexo, sofisticado e competente, que vai muito além dos estereótipos. Um exemplo, é a Casa Brasil, que durante os 26 dias em que esteve aberta em Joanesburgo, durante a Copa 2010, recebeu 20,2 mil visitantes de 102 países. Desse total, 914 eram jornalistas brasileiros ou estrangeiros. Repórteres estrangeiros já tinham publicado centenas de reportagens impressas sobre o Brasil que lhes foi apresentado em Joanesburgo. O alcance estimado desses textos é de 118 milhões de pessoas ao redor do mundo, sem incluir a exposição em rádio, TV e internet. A conta dessa exposição seria muito superior ao orçamento para promoção internacional do MTur se o Brasil tivesse optado por

Quais são os maiores desafios em relação aos aeroportos? O investimento em aeroportos não é um tema gerido pelo Turismo, e sim pelo Ministério da Defesa. Entretanto, por se tratar de um assunto intersetorial, o MTur investe em infraestrutura aeroportuária desde antes da escolha do Brasil como sede de 2014. Há muitas obras em andamento, no país inteiro. Na reforma do Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió (AL), por exemplo, estamos empregando R$ 54 milhões. Na ampliação do Aeroporto de Caldas Novas (GO), há um investimento de R$ 6 milhões. Também os aeroportos regionais, como o de Aracati (CE) e o de São Raimundo Nonato (PI), já receberam recursos da Pasta. Além disso, o novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal, abrange um investimento pesado em aeroportos. As obras cobrem a melhoria das

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

9


SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Arquivo TREND

Arquivo TREND

ENTREVISTA

10

Primeira foto Acima, secretário de turismo de recife, samuel oliveira, Gilberto Pimentel, Diretor Presidente da Empetur, ministro do turismo luiz barretto, presidente da TREND luis paulo luppa, e secretário estadual de turismo de pernambuco paulo câmara. Segunda foto, conselheiros da TREND, washington preti, rosely valença, luiz barretto, prefeito de atibaia, Dr. Denig, e luppa.

pistas e terminais do país, e, independente da Copa ou das Olimpíadas, esta será uma década transformadora em termos de qualificação do nosso receptivo aéreo. O MTur vai continuar investindo em projetos estruturantes – dos aeroportos aos terminais rodoviários e portos brasileiros, na melhoria dos acessos à modernização dos atrativos turísticos públicos e centros multiusos, dos projetos de urbanização e instalação de centros de atendimento ao turista à sinalização turística bilíngue ou trilíngue. Esses equipamentos serão as bases para que o turismo aconteça com qualidade.

Existe uma grande preocupação quanto à segurança dos turistas no Brasil. Como solucionar esse impasse e mudar essa visão? Apesar de ser um tema importante, a segurança não pode ser considerada um impeditivo para o turismo de estrangeiros no Brasil. Segundo a Demanda Turística Internacional 2008 (MTur/FIPE), 80% dos turistas estrangeiros entrevistados no final de sua viagem ao país, consideraram as condições de segurança pública positivas. O Comitê Olímpico Internacional (COI) e a Fifa são rigorosos quanto às condições de realização dos maiores eventos esportivos do mundo. As duas entidades aprovaram o plano de segurança apresentado pelo Rio e pelo Brasil. O COI elogiou e mostrou confiança nas medidas que estão sendo tomadas e no esquema proposto para os Jogos Olímpicos. O Rio de Janeiro (RJ) tem experiência na organização de grandes eventos de rua (Réveillon, com dois milhões de

pessoas, Carnaval e etc.) que ocorrem todos os anos sem registrar qualquer incidente grave.

Como a criação de infraestrutura pode impactar no turismo do país? Melhorar a infraestrutura turística é sempre um grande desafio. Por isso, grande parte dos investimentos do Mtur é direcionada para a construção de pontes, rodovias, esgotamento sanitário, obras de revitalização, centros de convenções, urbanização, entre outros. Nosso objetivo é dotar os municípios com infraestrutura adequada para a expansão das atividades e melhoria dos produtos e serviços ofertados. Essa é uma condição fundamental para atrair os investimentos privados, o que gera desenvolvimento. Além disso, trabalhamos a qualificação de trabalhadores, gestores e servidores ligados a órgãos de Turismo e à iniciativa privada, como forma de dar mais consistência a toda a cadeia produtiva.

Qual a necessidade real de oferta de leitos para esses eventos em nossa rede hoteleira? Teremos tempo para esse aumento? O papel do governo é induzir o desenvolvimento, criar mecanismos para fortalecer o empresariado. Por isso, no quesito hotelaria, nossa proposta é criar mecanismos de concessão de crédito com prazos estendidos e taxa de juros especiais, que financiem a reforma, ampliação do parque hoteleiro das cidades-sede e destinos indutores, além da construção de novos hotéis. Uma dessas iniciativas foi a criação da linha de crédito BNDES ProCopa


Hoje, cerca de 7,2 milhões

Os dois primeiros financiamentos da linha ProCopa Turismo garantem R$ 157,6 milhões para a rede hoteleira do Rio de Janeiro. A reforma do Hotel Glória, do Grupo EBX, custará R$ 146 milhões. As obras incluem a restauração da fachada, com a recuperação do desenho original. O segundo contrato, de R$ 11,6 milhões, é destinado à construção do Ibis Copacabana, da Rede Accor. Ele terá 122 quartos, distribuídos em oito andares, e 5 mil metros de área construída. Além disso, já foram negociadas novas regras para utilização de recursos dos Fundos Constitucionais de Financiamento do Norte (FNO), Nordeste (FNE) e Centro-Oeste (FCO), em parceria com o Ministério da Integração Nacional, Banco da Amazônia, Banco do Nordeste e Banco do Brasil.

Falta mão-de-obra qualificada para o Turismo atualmente no país? Como devemos nos preparar para esses grandes eventos? Hoje, cerca de 7,2 milhões de brasileiros trabalham com turismo no país, e espera-se que haja aumento de 10% ao ano, até 2014. Somente em 2010, o governo federal planeja criar 2,5 milhões de empregos formais, sendo grande parcela deles no setor turístico. Para receber os 600 mil estrangeiros e atender melhor os 3 milhões de brasileiros que vão acompanhar os jogos da Copa do Mundo, o MTur criou o programa Bem Receber Copa,

de brasileiros

que visa capacitar, até o final de 2013, 306 mil profissionais – empregados na cadeia produtiva dos 65 destinos indutores do MTur.

trabalham com turismo no país,

O investimento total do MTur será de R$ 440 milhões. O programa é realizado por meio de parcerias com as entidades de classe integrantes do Conselho Nacional de Turismo (CNT). As aulas já começaram para os setores de hotelaria, e bares e restaurantes. Os projetos beneficiarão 1.500 profissionais do setor de transporte aéreo regional, estratégico para a distribuição interna de turistas durante a Copa.

e espera-se que haja aumento de 10% ao ano, até 2014.

Arquivo TREND

Turismo, no valor inicial de R$ 1 bilhão, que vai trabalhar os conceitos de Hotel Padrão, Hotel Eficiência Energética e Hotel Sustentável, estabelecendo regras diferenciadas para cada categoria.

Outros 8 mil empregados em atividades do Turismo de Aventura também serão contemplados, dada a crescente relevância do segmento na participação do mercado de turismo nacional, seus atrativos e seus esforços para a melhoria de qualidade no atendimento ao turista. Cerca de 19 mil empresários, gerentes e profissionais de outras ocupações do ramo da hotelaria dos 65 destinos indutores participarão de cursos de formação inicial e continuada, no projeto “Escola Virtual dos Meios de Hospedagem”, já iniciado em oito capitais do país. No receptivo de bares e restaurantes, serão mais de 15 mil pessoas treinadas para o projeto “Pontos de Informação ao Turista” (TIPs) – que, como o nome indica, terá o propósito de transformar os empreendimentos do setor de alimentação fora do lar em centros de informações ao turista sobre a cidade-sede, por meio da distribuição de guias, folhetos, disponibilização de rede wi-fi, etc. Três mil empregados e gestores de empresas locadoras de automóveis também ocuparão vagas de treinamento do programa.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

11


Colunistas

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Shutterstock

erros básicos no atendimento a clientes

12

O atendimento por telefone nas agências de Turismo foi sempre uma realidade. Minha avó já ligava em 1970, com seu telefonão preto, para pedir ao seu contato para comprar passagens para ir para a Europa, onde tinha família. Com o passar do tempo, o telefone passou a ganhar importância – para os clientes, mas não para as agências, que continuavam muito amadoras no atendimento. A questão toda é que, se você for organizado, notará que o número de ligações, em média, vem aumentando ano a ano. Mesmo com internet. O problema é a qualidade desse atendimento e, principalmente, a falta de padronização. Faça uma experiência: escolha algumas agências da sua cidade aleatoriamente (concorrentes) usando as páginas amarelas da lista telefônica como referência. Ligue para elas pedindo algum destino bem específico. Você vai notar o seguinte:

1. Demora – A maioria não atende antes do terceiro toque. Alguns demoram tanto para atender que você fica pensando se o número realmente está certo. 2. Amadorismo – Quando atende, a maioria simplesmente diz: “Alô?”. Ou pior, gritando: “Alô!!!”. (O certo é dizer: nome da empresa, seu nome, bom dia/boa tarde/boa noite). 3. Péssima atitude – A atitude das pessoas que atendem é um desastre. Estão sempre com pressa, não demonstram nenhum prazer em falar com você, querem transferir logo a ligação e se livrar do pepino. Tem gente que nem pergunta seu nome – já transfere enquanto você ainda está falando. Ou mais um grito: “FULANO! É para você!!!”. 4. Transferências desnecessárias – Ao explicar o que você deseja (comprar – ou seja, gastar seu dinheiro com eles), começa a verdadeira tragédia. “Peraí, querido, que eu vou pegar um lápis”, “Não sou eu que cuido disso, vou transferir” (de novo? Para onde, para quem?). “Agora o seu Felipe não tá e é só com ele”, “Já encerrou o horário (são 21:55)”. E assim vai. Os piores atendimentos chegam a ser cômicos: “Pedrão falando!” (???). É oficina mecânica ou agência??? 5. Falta de interesse – Mesmo que você consiga falar com a pessoa responsável, poucas vão demonstrar real interesse em atendê-lo bem. Parece que todo mundo pensa a mesma coisa: “Mais uma cotação de preços, mais um pedido de informação. Não vai comprar mesmo, então nem vou perder muito tempo”.

Raúl Candeloro é palestrante , autor de diversos livros sobre vendas e gestão e editor das revistas VendaMais®, Liderança® e InvestMais®. Formado em Administração de Empresas e mestre em empreendedorismo, é responsável pelo maior portal de vendas e marketing da América Latina:www.vendamais.com.br. Email: raul@vendamais.com.br


Formando uma equipe campeã Se sua empresa quer ter uma equipe campeã, aquela que realmente faz a diferença, deve cuidar em primeiro lugar da escolha das pessoas que farão parte deste time.

...perfil é um conjunto de características profissionais e pessoais estabelecidas pela empresa para um determinado cargo.

Isto significa que tudo deve começar com um investimento do nosso tempo em desenhar o perfil para cada cargo existente na empresa. Shutterstock

Vamos entender melhor o que significa o perfil de um profissional nota 10 para trabalhar na área de Turismo, lembrando que o perfil é um conjunto de características profissionais e pessoais estabelecidas • Faixa etária – neste caso, só se for uma pela empresa para um determinado cargo. necessidade muito particular (como, por exemplo, uma atividade que necessite de muita força física), A primeira pergunta que devemos responder é: o pois, em princípio, não é a idade que vai impactar que queremos? Quais os valores que precisam estar no resultado do trabalho. agregados a cada cargo? O que é imprescindível e o que pode ser flexibilizado?

• Cursos extras – tais como idiomas, informática, etc. E faça uma avaliação, pois o candidato pode responder que fala inglês, mas você precisa definir em que nível, e se é falado, escrito, compreendido ou os 3. Daí a necessidade de checar.

Para responder a estas questões a nossa sugestão é que, de forma bem simples, divida uma folha de papel em dois, sendo de um lado o que você não abre mão e do outro tudo aquilo que servirá como desempate no caso de você gostar igualmente de dois candidatos • Atribuições comportamentais – aqui o perfil em um processo seletivo. deve contemplar um pouco da pessoa com suas características de personalidade que você deseja Assim, vá escrevendo procurando ser bem específico para ocupar este cargo. • Escolaridade – qual, se completa ou não, em que, • Atribuições – quais as atividades. É importante o qual a instituição desejada. perfil também apresentar esta questão para que • Sexo – feminino, masculino ou indiferente. haja o cruzamento com as características existentes nas pessoas que estão concorrendo ao processo. • Experiência – em que, de quanto tempo, em que tipo de empresa, ou mesmo se pode não existir. • O que a empresa oferece – cargo, salário, benefícios, local de trabalho, possibilidade real de crescimento. Nilda Brasil é psicóloga com especialização em gestão de pessoas.

Se nós formos resumir o perfil ideal para se trabalhar com Turismo, podemos afirmar: ENTUSIASMO, VONTADE DE APRENDER, DESAPRENDER E REAPRENDER e principalmente o que Walt Disney dizia: “Contrate o Sorriso e Treine a Técnica”.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

13


Colunistas

Senso de humor em vendas O humor positivo é Shutterstock

usado para gerar afinidades, como elemento surpresa e para

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

segurar a atenção.

14

Imagine a cena: no meio da entrevista o cliente diz: “seu preço está alto, é um absurdo”. E você responde: “É, eu também acho”. O cliente fica surpreso, jamais poderia esperar uma resposta dessa. Mas você conclui: “Eu também acho, a não ser que eu lhe diga três fatos a respeito deste produto que pode fazê-lo aumentar seus resultados em 12% já no primeiro bimestre”. Imagine agora outra cena. O cliente diz: “Tá caro”, e o vendedor responde: “Tá nada”. E encerra sua piadinha desconcertante de que são os nomes de dois japoneses, etc. No primeiro caso, temos um humor positivo, que desarma tensões, cria um clima favorável. No segundo, encontramos um humor discriminador, que abre o riso, mas fecha o bolso do cliente. Quer responder objeções corretamente? Vá pelo caminho saudável do Humor Positivo. Mas para dar certo você precisa ser uma pessoa positiva. Uma vez um vendedor chegou para um cliente e cutucou: “Senhor, eu vim aqui para lhe perguntar: - O que está acontecendo comigo?” O cliente questionou: “Ora, sei lá que está havendo

com você?” E o vendedor: “Ah! Só o senhor sabe o que está acontecendo comigo. Eu tenho o melhor produto do mercado, tenho a melhor praça, tenho a melhor empresa – que é a sua - , tenho o melhor cliente – que é o senhor - , e, apesar disso, eu não consigo nem um pedido seu. Por favor, o que está havendo comigo?” O cliente começou a rir e o negócio foi fechado. Entenda isso: os clientes geram tensão, mas eles também estão atrás de que lhes alivie a tensão. Eles querem comprar de quem traz alegria, de quem não visita com a cara de terrorismo econômico do tipo ou o senhor me dá esse pedido ou vou ter que vender o almoço para comprar o jantar. O humor positivo é usado para gerar afinidades, como elemento surpresa e para segurar a atenção. Às vezes, até uma abordagem inicial de humor quebra barreiras, favorece a entrevista e antecipa objeções. Um corretor de imóveis dizia a seus clientes: “Este prédio é ótimo, tem excelente localização, elevador privativo, três garagens por apartamento, mas só tem um problema – se ventar muito ele cai”. Pronto, o cliente começava a rir e relaxava. E como é importante relaxar em vendas! Quem está relaxado faz menos objeções. Ou faz as objeções certas.

Maurício Góis é empresário, palestrante, autor e estrategista. E-mail: contato@mauriciogois.com.br


No mercado corporativo a disputa está se acirrando na velocidade da luz. Ela aumenta a cada semana, a cada minuto. Com tanta pressão que envolve o sistema, diariamente me deparo com pessoas que me perguntam: valerá a pena? Haverá absorção desse mercado para todos? Reavaliando alguns conceitos e deixando o otimismo de lado, eu penso que embora o crescimento do mercado não acompanhe o número de profissionais disponíveis, ele continua sendo um elo diretamente proporcional. Basta observarmos a estagnação que existia no mercado da educação há alguns anos, quando tínhamos poucas opções de escolha de trabalho. Quem quisesse trabalhar numa grande empresa, estudar numa grande universidade, precisava arrumar as malas e despedir-se da família em prol de um sonho, de busca do mercado grande e profissional, que girava apenas em torno das grandes capitais brasileiras. Em muito pouco tempo, em menos de uma década, as coisas mudaram, e muito. Embora alguns novos profissionais tenham adquirido a doença da estagnação, foi justamente este o “mal” que atingiu principalmente aqueles que já estavam no mercado, abrindo um “vácuo”, possibilitando que bons profissionais viessem para cá e tomassem, justamente, o lugar daqueles que deixavam a desejar em matéria de profissionalismo. Ainda hoje o fenômeno acontece, embora em proporções menores, em razão do “toque de acordar”, consequência felizmente já percebida em todas as áreas. Quem disse que competir é ruim? É claro que ninguém

iStockphoto

Quem disse que competir é ruim? Haverá absorção desse mercado para todos? gosta de perder, mas quando a parada é dura, a vitória tem muito mais sabor. E é isso o que vem acontecendo. O mercado está aí e as portas estão abertas. Acesso ao diploma, muito em breve, todos terão, o que vai contribuir para a melhora da educação no País. Mas o que cada profissional vai fazer da sua vida, só vai depender da vontade individual. Quanto maior a concorrência, maior o esforço de cada um de nós em sermos bons e respondermos para o mercado que há espaço sim para cada um de nós mostrarmos nossas potencialidades. Afinal, o que mais falta no mercado hoje é qualificação profissional e gente com vontade de suar, trabalhar e se comprometer com o futuro. É preciso abraçar o mundo e acreditar que todas as estrelas nasceram para brilhar, embora algumas brilhem mais do que as outras. Esse é o processo natural da vida, e não seremos nós que vamos mudar. A oferta é grande, mas a procura pela competência é ainda maior. Há lugar sim para todos, desde que sejam bons. Só esses sobreviverão. E a resposta? Você não vai encontrá-la na faculdade, nem na escola, nem com seus colegas. Procure no mercado, só ele a terá. E não esqueça do velho ditado: ”quem procura, acha”.

Alessandra Assad é diretora da AssimAssad Desenvolvimento Humano. Formada em Jornalismo, pós-graduada em Comunicação Audiovisual e MBA em Direção Estratégica, é professora na FGV Managenent, palestrante e colunista de vários meios de comunicação. É autora do livro Atreva-se a Mudar! – Como praticar a melhor gestão de pessoas e processos. E-mail: alessandra@alessandraassad.com.br.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

15


Colunistas

Shutterstock

Cadê minha mala?

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Auckland, Nova Zelândia

16

Em 1992, realizei o sonho de possivelmente isto ajudará a localizar mais 9 de cada 10 jovens da minha época: fui rapidamente a sua bagagem. para a Austrália! Depois de fazer escalas Quando o representante da em Los Angeles e Papeete na Polinésia companhia aérea passar o alerta Francesa, cheguei na última parada antes para os aeroportos do mundo de Sydney: Auckland, na Nova Zelândia. todo para achar uma mala de cor Como era uma escala longa, 12 horas, laranja com zíper verde limão será tive que retirar as bagagens e fazer novo mais fácil do que encontrar uma check-in. Fui para a ala de desembarque mala preta com rodinhas pretas. e fiquei esperando minha mala, ao lado 3. Se você não gostar de cores de uma multidão ansiosa por retirar seus berrantes, vai outra dica: tire pertences e seguir viagem. uma foto da mala com seu celular antes de despacháAté hoje não esqueço a cena: a esteira la. Ajudará quando tiver que rodando, as pessoas retirando suas descrevê-la para o funcionário bagagens, colocando-as no carrinho do “achados e perdidos”. de mão e indo embora. Aos poucos as malas foram diminuindo, diminuindo, até que um senhor veio correndo da imigração, pegou a última mala que rodava sozinha e a esteira parou. “O que faço agora?” – pensei.

com a empresa aérea uma taxa de indenização. Em viagens internacionais vigora a Convenção de Varsóvia que fixa em US$ 20 o reembolso por cada quilo declarado. 6. No Brasil o Código Brasileiro de Aeronáutica é de 1986. As reclamações são tratadas pelo Código de Defesa do Consumidor e as indenizações são definidas pela justiça. Por isso, o melhor é buscar um acordo com a companhia aérea. 7. Se a companhia aérea não aceitar reembolsá-lo pelo valor que você considera justo, a saída será buscar a justiça. Dica: procure os tribunais de pequenas causas. Você pode pleitear indenizações de até R$ 20 mil e quase sempre passageiros e empresas aéreas chegam a um acordo satisfatório.

Fique atento. Nunca se viajou tanto de avião no Brasil como agora. E consequentemente nunca se perdeu tanta mala. Até junho de 2010 a ANAC (Agencia Nacional de Aviação Civil) havia registrado 3.263 casos de bagagens perdidas ou danificadas. No 4. Ao despachar itens de valor, ano passado inteiro foram registrados peça para a companhia aérea 4.000 casos. o formulário de declaração de valores. Nunca despache itens Ah! Voltando ao meu caso, você deve como jóias, computadores, estar curioso com o que aconteceu com máquinas fotográficas, etc. sem minha mala na Nova Zelândia.

Espero que você nunca tenha que viver declará-los. Por sorte, eu era jovem e minha mala era um momento como este. Mas se precisar 5. Se sua mala não aparecer após de cor laranja berrante. Acharam rapidinho. siga os seguintes passos: 30 dias, você terá que negociar Depois foi só seguir viagem! 1. Procure imediatamente a companhia aérea e nunca saia do Alexandre Camargo é gestor de vendas da TREND aeroporto sem o RIB (Registro de Operadora, pós-graduado em Administração e Irregularidade de Bagagem). Marketing, já foi diretor do Grupo Varig, Vasp e Copa 2. Se você for desses que gosta de cores berrantes sorte sua, pois

Airlines e é autor do livro “O ano em que só nós tivemos lucro” da Editora Matrix. E-mail: acamargo@trendoperadora.com.br


Um bom livro é como uma boa viagem: leva você muito mais longe.

Os livros da Editora Campus-Elsevier são uma excelente opção para você aprender a investir no seu negócio, na sua empresa ou na sua vida profissional e obter ótimo desempenho. Com abordagens claras e objetivas, você fica por dentro das melhores estratégias e dicas dos melhores profissionais do assunto. Siga-nos no twitter.com/campuselsevier


Destino NACIONAL em alta

Quando se fala em Gramado logo vem à cabeça um destino relacionado ao frio.

18

européia é acolhedora o

Leonid Streliaev

ano inteiro.

Acima à esquerda Plátanos, Acima Pórtico de entrada e ao lado festival de cinema em gramado. Imagem maior, Avenida Borges Medeiros, gramado.

Leonid Streliaev

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Shutterstock

Mas esta cidade com cara


Gramado um pedaço de

Europa

com o calor do

brasileiro

N

em só do frio vive a pequena cidade de Gramado (RS) na Serra Gaúcha. A cidade de pouco mais de 30 mil habitantes é um dos destinos mais procurados do país a cada ano. E mostra que, apesar do inverno ter acabado no final do mês passado, tem fôlego para atrair turistas o ano todo.

Possui uma ampla e qualificada infraestrutura receptiva, que a colocou no topo dos destinos no Estado do Rio Grande do Sul. Para acolher os mais de 2 milhões de turistas que recebe por ano, possui uma rede de hospedagem composta de 135 hotéis e pousadas, que juntos somam 11.000 leitos, 117 bares e restaurantes, e mais de 700 estabelecimentos comerciais.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

19


Destino NACIONAL em alta

Leonid Streliaev

Ao lado Plátanos, abaixo chocolates de gramado.

Alemanha

E na culinária, a presença dos vinhos, dos doces e do chocolate, uma das marcas da cidade.

Com forte presença da colonização alemã, italiana e portuguesa, a cidade tem as características desses povos retratados em sua cultura, arquitetura e culinária. Na cultura, traz as tradições italianas do cultivo da uva, das danças e roupas típicas, e dos moradores que ainda falam a língua alemã. Na arquitetura, todo o colonialismo alemão nas casas com janelas e torres altas, telhados trabalhados, e fachadas de madeira da arquitetura bávara estão por toda parte, e os chalés em estilo suíço também são formas que dominam a paisagem. E na culinária, a presença dos vinhos, dos doces e do chocolate, uma das marcas da cidade, que se desdobra em canecas quentes, em fondues, e barras feitas artesanalmente.

20

A região foi desbravada por tropeiros que utilizavam a área para descanso do gado desde 1875. Ficou despovoada até meados de 1913, quando começaram a chegar os imigrantes alemães e italianos, trazendo consigo seus costumes e tradições. A cidade surgiu em 1954, quando foi separada do então município de Taquara, e seu nome originou-se desse campo onde o gado descansava que era gramado.

Além do frio

Shutterstock

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

História

Os atrativos da cidade vão além do frio. A cidade é famosa pelo seu Festival de Cinema (que é realizado sempre em agosto) e também pelos festivais de fondues. Porém, outros eventos importantes também acontecem durante o ano. Com diversas áreas construídas especialmente para eventos grandes, tanto dentro de hotéis quanto


Ricardo Bertolucci Reginato

pela cidade, Gramado tem abrigado muitos congressos, seminários, e palestras sobre assuntos específicos, principalmente da área médica. No final do ano, desde novembro até janeiro, acontece o Natal Luz, quando toda a cidade fica iluminada no melhor

fachadas de madeira da arquitetura bávara estão por toda parte, e os chalés em estilo suíço também são formas

estilo das cidades da Europa, para receber os milhares de turistas que vem passar a data na cidade e conferir a decoração natalina mais de perto, já famosa mundialmente. Apesar de acontecer já no verão brasileiro, durante o Natal, devido à localização da cidade, o clima permanece com temperaturas baixas, girando em torno de 22ºC, o que continua atraindo os amantes do frio.

Ricardo Bertolucci Reginato

que dominam a paisagem.

Culinária

São freqüentes também os Cafés Coloniais, servidos em vários restaurantes ao estilo europeu. São dezenas de pequenas porções variadas que incluem doces, salgados, cremes, pães, compotas e tudo o que um serviço de primeira pode proporcionar.

Cleiton Thiele/SerraPress

Com grande influência da cultura européia, a cidade abriga todos os tipos de culinária: italiana, alemã, francesa, portuguesa, e até vegetariana. Os fondues de queijo, carne e principalmente de chocolate são os mais pedidos. E os chocolates caseiros os mais procurados.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

21

Ao lado e ao meio, centro da cidade de gramado, Abaixo Nativitaten, Natal Luz de gramado.


Destino NACIONAL em alta à esquerda, hortênsia, abaixo lago Joaquina Rita Bier e igreja de são Pedro. Na página ao lado, Natal luz, festival de cinema e Mini mundo.

Shutterstock

Hortênsias As hortênsias são as flores símbolo da cidade e no verão elas ficam mais exuberantes ainda. Gramado inteira fica coberta delas, sejam nos monumentos, praças, ilhas, ou nos próprios jardins das casas, sempre muito bem cuidados. As mais encontradas são entre os tons de violeta e azul.

Passeios

22

Leonid Streliaev

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Leonid Streliaev

Passear a pé é uma das melhores opções da cidade, o que você pode fazer com tranquilidade, pois dos dez lugares mais visitados do Brasil, Gramado é tido como o destino mais seguro. As principais avenidas são a Borges de Medeiros e a das Hortênsias, onde estão localizadas as lojas de artesanato, chocolates, roupas de malha, de couro, móveis coloniais e bons restaurantes. Atualmente, Gramado abriu seu interior para o turismo rural, destacando a cultura e a preservação ambiental. O Agroturismo tornou-se uma atividade autosustentável em quatro diferentes roteiros. Os passeios tem saídas diárias em frente à Casa do Colono, junto a Praça das Comunicações, no centro de Gramado, em um ônibus típico colonial. Um bondinho também faz um city tour saindo de frente da Igreja Matriz e segue percorrendo os principais pontos turísticos em um percurso que dura uma hora. Na época de Natal, é imperdível também a visitação no Parque Aldeia do Papai Noel, no centro da cidade, com lindos jardins, a Árvore dos Desejos, o Chalé dos Ursos e a Fábrica de Brinquedos. O Mini Mundo é a outra atração infantil, com réplicas de construções famosas. Os destaques são a Igreja de São Francisco de Assis, de Ouro Preto (MG), a zona portuária de Porto Alegre (RS), o castelo alemão de Neuschwanstein, e o aeroporto de Bariloche com a Cordilheira dos Andes, casas, moinhos e castelos. Além desses, a cidade ainda oferece outros 30 pontos turísticos que, se houver tempo suficiente, vale a pena visitar. Portanto, o que fazer, visitar, ver, comer, e comprar em Gramado tem de sobra. Só vai faltar vontade de ir embora.


Belvedere Vale do Quilombo. Centro Municipal de Cultura I e II. Centro Municipal de Cultura Várzea Grande. Cristais de Gramado. Gramado Golf Club. Gramadozoo. Green Land. Hollywood Dream Cars. Igreja do Relógio.

Gramado e o chocolate A história do chocolate data de 1.500 a. C. e está relacionada aos Maias e aos Astecas. Migrou para a Europa e chegou ao Brasil pelas mãos desses mesmos europeus. Apesar de não ser uma região de cultivo de cacau, tem sua matéria-prima trazida das regiões de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo. A cidade ficou famosa por, no início, produzir chocolates artesanais, feitos manualmente. Hoje, abriga mais de 20 indústrias de chocolate.

Igreja de São Pedro. Kartódromo.

Eventos na cidade até o final do ano

Kur Estação das Águas. Lago Joaquina Rita Bier. Lago Negro.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Shutterstock

Pontos Turísticos de Gramado:

23

17º Congresso Brasileiro de Oncologia Clínica

Mini Mundo. Mundo Encantado. Museu do Chocolate.

De 26 a 29 de outubro de 2010 ExpoGramado

Museu do Perfume – Fragram.

Feira de Chocolates

Museu do Piano. Museu Medieval - Brasões e Cutelaria em Geral. Paintball Adventure. Palácio dos Festivais – Cine Embaixador. Parque Knorr – Aldeia do Papai Noel. Pórtico de Entrada Via Nova Petrópolis. Pórtico de Entrada Via Taquara.

De 03 a 05 de novembro de 2010 Serra Park

25º Natal Luz

De 04 de novembro de 2010 a 16 de janeiro de 2011 Por toda a cidade.

22º Festival de Turismo

Praça Major Nicoletti.

De 18 a 21 de novembro de 2010

Prefeitura Municipal.

Centro de Eventos Serra Park

Praça das Comunicações – Casa do Colono.

Participação da TREND Operadora.

Rótula das Bandeiras.

Leonid Streliaev

Leonid Streliaev

Cleiton Thiele/SerraPress

Rua Coberta.


hotel NACIONAL em destaque

Hotel

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Encantos do Sul

24

I

O principal

naugurado em novembro de 2002 o Hotel Encantos do Sul é uma das opções preferidas para os turistas que buscam a união do conforto com requinte e cultura.

diferencial do Encantos é o atendimento. Nosso objetivo não

Luis Sebastiani

é só conquistar o

Gerente do Hotel Encantos do Sul

cliente, mas sim, uma amizade.

Com arquitetura que remete aos chalés suíços, com jardins floridos e muito verde ao seu redor, traz vários elementos europeus em sua arquitetura e em sua decoração. Como já é tradição em Gramado, o café-da-manhã no Encantos do Sul é em estilo Colonial, com delícias das cozinhas alemã e italiana, numa das refeições mais típicas da Serra Gaúcha. São muitas variedades entre doces e salgados à sua espera.


Em sua área comum, dispõe de sala com televisão, praça interna, internet gratuita, sala de jogos, restaurante e bar. Ao seu redor, a natureza da Serra Gaúcha. Os quartos, com uma aconchegante decoração em madeira com muitos elementos campestres, possuem sistema de aquecimento (calefação), piso antialérgico, televisão, telefone, frigobar, aquecimento central de água e arcondicionado. O hotel possui uma política de tarifas diferenciadas de acordo com a época do ano. É considerada baixa temporada o período de 01 de agosto até 11 de novembro, alta temporada

de 12 a 30 de novembro, e altíssima temporada de 01 de dezembro a 02 de janeiro do ano seguinte, sendo que na baixa temporada as reservas devem ser efetuadas com 7 dias de antecedência, e na alta, com 30 dias. Nos feriados as reservas devem ser de no mínimo de 3 diárias, e crianças até 5 anos não pagam. Para melhor atender a seus hóspedes o hotel ainda oferece um serviço de transporte gratuito para o Centro de Gramado, onde se localizam pontos turísticos, as lojas, restaurantes, e onde tudo acontece, para nenhum hóspede ficar de fora.

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

O requinte da arquitetura suíça com o aconchego da hospitalidade brasileira. A combinação perfeita do bucólico com o luxuoso.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Arquivo Hotel

25


SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Arquivo Hotel

hotel NACIONAL em destaque

26

Gramado Portal

Hotel

Oferecemos uma tarifa

Aconchego e

muito atrativa sem

charme nesse

deixar de lado a atenção

endereço

na qualidade dos

discreto de

serviços e da constante

Régis Cantergi

revitalização do produto.

Gerente do Gramado Portal Hotel

Gramado


Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

27

L

ogo de frente a um dos mais tradicionais pontos turísticos de Gramado, o portal de entrada da cidade, fica a margem da rodovia RS235 que após o portal se transforma na famosa Avenida das Hortênsias, outro ponto turístico famoso da cidade. Suas amplas janelas, com arquitetura em estilo suíço, abrem-se para umas das vistas mais maravilhosas da cidade de Gramado, com os vales verdes da região. São 24 apartamentos com um estilo europeu, todos com decoração em madeira, camas largas, sistema de aquecimento, entre outros confortos.

Localizado ao lado de um dos cartões postais da cidade, oferece uma vista maravilhosa, um clima aconchegante, e serviço de primeira.

Diversificando o tipo de hospedagem, oferece diferenciais em suas suítes, além da convencional. Na Suíte Romântica oferece banheira de hidromassagem e decoração especial para casais em lua de mel. Na Suíte Família o formato é estilo flat, com dois quartos, cozinha e sala, ideal para famílias em viagem. O hotel adota o seu horário de check-in às 14h00, tem sua baixa temporada entre fevereiro e maio, a média nos meses de janeiro e de junho, e a alta durante todo o mês de julho. Crianças até 5 anos não pagam.


TREND indica no brasil

Fiesta Bahia

Hotel

Praia e negócios:

28

dá certo

Ao lado, Forte da cidade de Salvador, acima foto da fachada do hotel Fiesta Bahia.

Shutterstock

C

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Arquivo Hotel

aqui essa combinação

onforto, lazer, os melhores serviços, aliados com uma área de eventos muito bem estruturada. Esse é um dos méritos do Fiesta Bahia Hotel, localizado numa região estratégica de Salvador (BA), no Bairro de Itaigara, próximo aos maiores centros corporativos, comerciais, médicos e odontológicos de Salvador. São 236 apartamentos e 8 suítes especiais equipadas com tudo o que há de mais moderno e confortável. Os apartamentos, os maiores de Salvador, contam com 2 camas de casal, canais a cabo, internet de banda larga gratuita (assim como nas áreas sociais do hotel, ideal para quem vem a trabalho), cofre e outras facilidades. Para os fumantes, respeitando os que não fumam, um andar inteiro é reservado aos mesmos. Os portadores de necessidades especiais também possuem apartamentos configurados, numa demonstração de inclusão por parte do hotel.


É o melhor

O café da manhã de tão requintado e diversificado (composto por mais de 150 itens) fica aberto ao público, até mesmo para quem não é hóspede do hotel, tamanha a sua fama. Um dos itens famosos é o beiju de tapioca, que pode ser servido com mais de 10 opções de recheios, tanto salgados quanto doces. Uma cafeteria com preparos especiais de café, também faz sucesso para o fim de tarde.

Lazer Para o lazer, piscina para adultos e crianças, sala de jogos e parque infantil. Os hóspedes que querem manter a boa forma ainda dispõem de academia completa, espaço para massagens, sauna seca e úmida, ducha escocesa, e sala de ginástica.

estrelas de

Possui capacidade de receber 5.300 pessoas através de salas que podem ser divididas em até 27 espaços diferentes. O espaço ainda oferece elevadores exclusivos, inclusive para cargas (como automóveis), pé direito alto, ar condicionado em todos os ambientes, salas especiais para filmagem e gravação, telão e internet em todas as salas, 230 vagas para automóveis, e um pavilhão de exposições com 1.400 metros quadrados. Realmente um espaço adequado para abrigar eventos de todos os portes e tamanhos.

Salvador com o maior e mais versátil centro de convenções da Bahia.

A interligação com o hotel permite que os participantes dos eventos possam usufruir de hospedagem, os serviços de alimentação, os serviços de lazer e SPA, proporcionando o melhor de suas duas áreas. Com certeza o Fiesta Bahia Hotel é sua melhor opção de eventos e lazer em Salvador.

Márcio Souza Gerente de Vendas do Fiesta Bahia

Arquivo Hotel

Na parte de alimentação, reúne o melhor da cozinha internacional paralelamente ao melhor da culinária baiana. O Chef oferece um harmonioso bufê que inclui carnes de vários tipos, pescados, frutos do mar, massas e diversas saladas. A culinária regional também se faz presente oferecendo moquecas de peixe, de marisco e ensopados. E o serviço à la carte também está disponível com várias opções, além de serviço especial para diabéticos.

de grande porte, estando listado como um dos melhores espaços para eventos do Brasil.

hotel cinco

Arquivo Hotel

Alimentação

Outro diferencial do Fiesta Bahia Hotel é o seu super estruturado centro de eventos, o Fiesta Convention Center. São 5 andares construídos especialmente para receberem eventos

Arquivo Hotel

Eventos

Mulheres E os diferenciais não param por aí. No Fiesta Bahia as mulheres ganharam um andar especialmente decorado e planejado para elas, com tudo que atende as suas exigentes necessidades. Os apartamentos trazem uma decoração mais feminina, o frigobar tem os itens mais consumidos pelas mulheres, e no banheiro, secadores mais potentes, espelho de aumento para maquiagem, e o kit de banheiro com itens de maquiagem e manicure.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

29


Com a Travel Ace o Giba

Tranquilo! A assistĂŞncia que atende a todos os requisitos de um atleta nove vezes campeĂŁo mundial.

www.travelace.com.br @travelacebr


TREND e Reserve de mãos dadas nossas empresas: ambas são focadas no cliente, investem em tecnologia e acreditam na força de suas equipe. Luis Paulo Luppa, Presidente da Trend Operadora.

A

Com mais esta parceria, a Trend, reforça seu compromisso com os agentes de viagens corporativos, oferecendo uma solução que possibilita a reserva de voos e hotéis de acordo com o perfil de cada usuário, liberando categorias de hotéis e classes nos aviões (incluindo a escolha do assento) de acordo com a política de viagens das empresas para cada colaborador e seu respectivo setor. É a melhor maneira de otimizar e agilizar a gestão de viagens corporativas. Qualidade, opções, conteúdo, agilidade e sincronia: é a Trend ajudando você a crescer.

Arquivo TREND

sinergia entre

Trend Operadora acaba de firmar uma parceria com a ProReserve , proprietária do Sistema de Gestão de Viagens Corporativas denominado Reserve. As duas empresas uniram seus sistemas e suas forças de vendas para oferecer às agências de viagens uma das mais inovadoras ferramentas de reservas de voos e hospedagem. O objetivo dessa parceria é poder oferecer os produtos Trend de Hotelaria Nacional a todos os clientes do Reserve aumentando consideravelmente o leque de opções oferecidas.

ACIMA JOYCE FELIZARDO, GERENTE DA DIVISÃO TREND CORP, QUE ENGLOBA OS CLIENTES RESERVE. AO LADO LUIS VABO E SOLANGE VABO DA RESERVE, ENTRE LUPPA E DANIEL SANTOS DA TREND, Diretor comercial.

Arquivo TREND

Percebemos

31 SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Parceria


Shutterstock

destino interNACIONAL em alta

Flórida Animação e turismo o ano inteiro

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Q

32

uando se fala em Flórida a primeira imagem que vem à cabeça é a Walt Disney World. Recentemente, a inauguração do parque temático do Harry Potter deu novo fôlego aos parques de diversões mais famosos do mundo. Mas, a Flórida não se resume só a isso. Tem muito mais para se ver. Um dos 50 estados americanos, tem como sua principal fonte de renda o Turismo, que atraem anualmente 60 milhões de visitantes do mundo todo, incluindo os próprios americanos, que migram para o Estado em busca de diversão e calor, visto que é a parte mais ao sul do país, e por estar mais perto do Equador, a mais quente também.

Suas temperaturas são altas, sendo em média de 30 graus, e o clima é de sol o ano inteiro, o que atrai os turistas para os seus mais de 2.173 km de costa litorânea. O único período crítico é o mês de agosto, pois é a época em que ocorrem os furacões no local.

História A Flórida foi inicialmente explorada e colonizada pelos espanhóis, que a controlaram até 1819, quando foi comprada e anexada pelos Estados Unidos. Tornou-se o 27º estado americano em 1845. Durante uma revolução, separou-se dos EUA em 1861, juntando-se aos Estados Confederados da América, mas após

a derrota dos confederados na Guerra Civil Americana, em 1865, o estado foi readmitido em 1868. Em meados de 1890, foram descobertos grandes depósitos de fosfato, os grandes pântanos do estado foram drenados (embora muitos existam até hoje) e uma grande malha ferroviária foi construída. Vários fazendeiros da região notaram que as condições climáticas e do solo favoreciam o cultivo da laranja, fruta com uma demanda crescente no país. Na primeira metade do século XX a Flórida era a maior região produtora de laranja do mundo. O clima ameno e a geografia com várias praias chamavam a atenção de turistas. Hotéis começaram a ser construídos e o


Seus parques e praias já são famosos no mundo inteiro. Porém, a Flórida, segundo estado mais visitado dos EUA, tem muito mais a oferecer. Foto maior, Miami beach. Acima, Universal Studios, ao lado, Expedition Everest - animal kingdom.

Estado tornou-se um dos principais pólos turísticos do país. O ramo imobiliário também migrou para o local, com a construção de casas. De 1900 em diante, a população cresceu drasticamente. Este período de grande desenvolvimento econômico acabou repentinamente em 1926. Primeiro uma grande depressão econômica atingiu o estado, causando falência de empresas e desemprego. Depois, no mesmo ano um furacão atingiu a Flórida, matando centenas de pessoas. E por fim, veio a depressão de 1929, atingindo todo o país. Durante a Segunda Guerra Mundial, a Flórida, por sua localização próxima ao Canal do Panamá e do Oceano Atlântico, tornou o estado vital, de grande importância estratégica, para a

defesa do Hemisfério Ocidental. Várias bases aéreas, navais e terrestres foram construídas. A localização próxima a linha do Equador propiciou também o lançamento de foguetes, com a construção do Centro Espacial John F. Kennedy, conhecido também como Kennedy Space Center, ou Cabo Canaveral, a base de lançamento de foguetes da NASA. O Estado continuava a ser o maior produtor de laranjas do mundo, e a crescente indústria de manufatura, especialmente na fabricação de produtos químicos, eletrônicos e navios tornaram a economia forte e altamente diversificada. O Turismo também crescia, principalmente quando os parques de diversões chegaram no local.

Hispânicos Outra característica relevante do Estado é a presença forte da cultura hispânica, graças à grande migração de porto-riquenhos, cubanos, haitianos e outros hispânicos. Muitos moradores falam o espanhol, e muito da cultura desses países foi trazida para o local.

Laranjas O cultivo de laranja ainda é um grande impulsionador da economia, sendo que quase todo o suco de laranja americano é produzido na Flórida. O estado só perdeu o posto de maior produtor de laranjas do mundo para o Brasil (mais precisamente o Estado de São Paulo).

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

33


destino interNACIONAL em alta

Praias Shutterstock

Outra atração do Estado são as belíssimas praias da orla de Miami. O nome Miami tem origem da língua indígena dos Seminoles, os primeiros habitantes do local. A palavra Mayaimi significa “muito grande”, uma referência ao lago Okeechobee que fica próximo à cidade. O seu litoral, apesar de ser linear e plano, faz parte da junção de vários municípios, como Aventura, Hallandale, Hollywood (que não é o da Califórnia), Fort Lauderdale, Pompano Beach (onde moram muitos brasileiros) e Boca Raton.

Art Déco Em Miami Beach, ilha que fica separada do continente, a atração imperdível são os edifícios em Art Déco ao norte da Quinta Avenida (5th Avenue). São vários quarteirões com prédios antigos, alguns bem conservados, e outros nem tanto, decorados com luzes de néon e pintados com cores extravagantes, formando um diferente conjunto de arquitetura. São mais de 80 quadras em estilo Art Déco tombadas e com status de monumento histórico nacional, conhecidas como Art Déco District.

Graças aos vários parques que possui, a cidade de Orlando é chamada atualmente da Capital Mundial da Diversão. Porém, não é só nela que há atrações, mas também em muitas cidades ao seu redor.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Walt Disney World

34

Em 1971, a Walt Disney World Entertainment Center construiu o Walt Disney World próximo a Orlando, o que estimulou bastante o crescimento da cidade, tornando-a o centro de maior crescimento econômico do estado. Sua localização é na cidade de Lake Buena Vista. O parque muitas vezes é chamado de Disneylândia, que é o nome de outro parque temático da Disney localizado em Anaheim, no Estado da Califórnia. Devido ao fato da Walt Disney World Entertainment possuir atualmente vários parques em Orlando, o parque foi dividido em vários outros, num imenso complexo que também reúne hotéis e resorts. São eles: Animal Kingdom, Magic Kingdom, Disney-MGM Studios e Epcot Center.

Animal Kingdom Parque inaugurado em 1998 é o mais novo do complexo Disney. Sua área é gigantesca (5 vezes maior que o Magic Kingdom) e abriga mais de 1.700 animais de 250 espécies diferentes. Além da riqueza da fauna, a flora presente no parque é abundante, fazendo o visitante acreditar que está no meio de uma selva de verdade. É dividido nas áreas The Oasis, Dinoland USA, Discovery Island, Camp Minnie-Mickey, África, Ásia e Rafikis Planet Watch.

Shutterstock

Capital Mundial da Diversão


O famoso parque aquático possui em Orlando uma de suas maiores filiais. Com 16 atrações, entre tobogãs, piscina de ondas, rio artificial, é uma das melhores opções para os dias de calor. Destaque para a atração Disco H2O, onde um bote para 4 pessoas passeia por dentro de uma discoteca onde a iluminação é psicodélica e a música tem os maiores hits das discotecas de antigamente.

Shutterstock

Busch Gardens Inaugurado em 1959 recebeu esse nome por ser comandado pela Anheuser-Busch, a fabricante da mundialmente famosa cerveja Budweiser. Na época da inauguração, os visitantes podiam ver vários animais no seu estado selvagem e entrar no Parque da Cerveja recebendo uma de graça na saída. O parque, localizado na cidade de Tampa, é uma das grandes atrações do estado até hoje.

Kennedy Space Center Apesar da seriedade do local é uma incrível atração turística, onde os visitantes podem ver foguetes espaciais originais de perto, entrar na sala de lançamento, e, se derem sorte, assistir a um lançamento de verdade. Construído em 1949, passou 10 anos fazendo lançamentos de teste. Foi de lá que partiu o primeiro satélite artificial americano em 1958, o primeiro voo espacial com um tripulante a bordo em 1961, e o primeiro voo espacial levando astronautas à Lua, na famosa missão Apolo XI, em 1969.

Disney’s Boardwalk e Downtown Disney É um complexo de entretenimento que reúne diversão, compras e restaurantes. A arquitetura da rua teve inspiração em cidades à beira mar como as existentes na Nova Inglaterra.

SeaWorld A oportunidade de se ter contato direto com a vida marinha e perceber a importância da preservação dos oceanos. Destaque para os shows de golfinhos, orcas, leões-marinhos, focas e outros animais adestrados. Durante o verão americano (junho a setembro) acontece o Show Mistify com projeções em telas de água, canhões de laser, show pirotécnico dentro da água e queima de fogos.

Universal Studios É a união de estúdios de cinema com um parque temático, levando ao visitante as emoções dos filmes de Hollywood. As atrações Terremoto, Kongfrontation, Tubarão, A Múmia, Homem-Aranha, entre outras, possuem qualidade, emoções e efeitos dignos de cinema.

Hospedagem em casas e vilas Apesar de possuir uma grande rede hoteleira, a mais nova opção de hospedagem na Flórida, principalmente na região dos parques temáticos, são as casas e vilas de condomínios fechados que podem ser alugados durante as temporadas turísticas. As casas, térreas ou geminadas, oferecem o conforto e a comodidade de serem totalmente mobiliadas e equipadas, e os condomínios propiciam maior segurança e itens de lazer coletivos, como piscina, academia, churrasqueira, jardins, entre outros. Acima à esquerda, ponte do centro de Miami. ao lado, Sea World, Planet Holywood, Kennedy Space Center e The Wizarding World of Harry Potter na Universal.

Além da comodidade é uma forma de conhecer a cultura americana mais de perto, pois permite que o visitante conviva com os seus vizinhos, vá ao supermercado fazer compras para as refeições, vá a farmácia, a restaurantes próximos, enfim, sinta os Estados Unidos como um legítimo morador, e não como um hóspede apenas.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

35

Wet´n Wild


Hotel interNACIONAL em Destaque

Arquivo Hotel

Shore Club South Beach Miami

Inspiração francesa e britânica aliada às praias americanas

36

hotel de South Beach a receber uma certificação

Várias também são as opções de restaurantes. No Nobu, o Chef Nobu Matsuhisa, que passou por Tókio, Peru e Argentina, aplica os seus conhecimentos em pratos orientais inusitados unindo os 3 países. Já no Ago, parceria com o ator Robert DeNiro, a Toscana vem para South Beach pelas mãos do Chef Agostino Sciandri, com 35 anos de experiência, trazendo o sabor das cantinas e o romantismo da Itália, em um terraço de frente ao mar. O Ago serve café da manhã, almoço e jantar.

Arquivo Hotel

As opções para os amantes de um bom happy hour são variadas. No jardim do Sky Bar, as paredes azul-cobalto, com fontes e pérgulas, formam a atmosfera desse local, que é sub-dividido em outros ambientes: a Redroom, um lounge que une decoração antiga e moderna no mesmo ambiente; o Redroom Garden, living externo de estilo tropical com paisagismo de flores e mobiliário oriental; o Rumbar, localizado entre piscinas, serve 75 tipos diferentes de Rum; e o Sandbar, ambiente para pequenas festas onde se pode ficar descalço sentindo a areia nos pés.

Arquivo Hotel

ambiental.

Arquivo Hotel

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

O topo do hotel oferece um SPA completo com serviços para o bem-estar numa atmosfera zen. São espaços para massagens, tratamentos faciais, para o corpo, e até de manicure, em terraços com vistas deslumbrantes.

Arquivo Hotel

Foi o primeiro hotel da região de South Beach a receber o certificado One Palm, dado pelo Estado da Flórida aos hotéis com consciência ecológica e de preservação ambiental. Oferece 16 tipos de suítes com estilos e vistas variadas. Sua excelente localização fica no miolo mais badalado de Miami. O primeiro

Arquivo Hotel

C

onstruído pelo arquiteto britânico David Chipperfield, o Shore Club une Art Déco com propostas paisagísticas e ambientes antigos e modernos. A decoração mistura objetos: cortinas brancas combinadas com colunas recheadas de luzes coloridas, sofás relaxantes, antiguidades clássicas, artesanatos tribais, almofadas africanas e mesas de bronze turcas.


localizações de Miami Beach reÚnE natureza com serviços e hospedagem de primeira linha.

Delano South Beach

S

ua arquitetura moderna com salas coloridas e quartos decorados em branco já são um diferencial deste luxuoso hotel de Miami. Com todos os tipos de serviços para o conforto do hóspede, como SPA, piscinas enormes, varandas com vistas inesquecíveis e 19 tipos de quartos com configurações diferentes, o Delano South Beach é uma opção sofisticada para quem quer aproveitar praia e serviços ao mesmo tempo. E por valores acessíveis. Com nome em português, o Agua SPA, localizado na cobertura do hotel, é um espaço que oferece os mais modernos tratamentos de SPA, para rejuvenescer o corpo, a mente e o espírito. Com vista de 360 graus, é o segundo SPA

da Flórida que possui os produtos de uma das marcas mais famosas de cosméticos americana: a Själ. No Fitness Center o hóspede pode ter uma consulta privada com a equipe de personal trainers ou instrutores de yoga. Oferece uma grande variedade de equipamentos para exercícios, num espaço que fica aberto 24 horas. Completando a lista de opções noturnas de Miami Beach o night-club The Florida Room é um moderno piano lounge inspirado no glamour dos anos 50 do Sul da Flórida. O piano do local já foi tocado por lendas da música como Lenny Kravitz e Jamie Foxx nas tardes de happy hour do local. Para

Requinte, conforto e belas paisagens

Arquivo Hotel

Numa das melhores

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

37

litorâneas fechar a noite, DJs Internacionais comandam a pista até tarde. O espaço também serve para degustação de drinks especiais com toque Latino. Um leque de restaurantes permite que o hóspede tenha opções diversificadas de gastronomia. O Blue Door tem ambiente requintado e apresenta influências da cozinha francesa e brasileira. O Plat Bleu é ideal para lanches rápidos, um café ou um jantar fora de hora. O Blue Sea é para os amantes da comida oriental, com ofertas de sushis e sashimis de peixes frescos. O Rose Bar, com decoração na cor de seu nome, é perfeito para um drink e alguma refeição rápida.

Exclusividade TREND

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Arquivo Hotel

Late Check-out até às 16h00


Hotel interNACIONAL em Destaque

Condomínios fechados

A melhor forma de sentir os EUA como morador

Ser hóspede em um hotel, ou fazer um intercâmbio são experiências extremas de hospedagem. Na primeira você tem a

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

impessoalidade do serviço, na segunda, você

38

tem de fazer o serviço. Mas agora uma nova opção de hospedagem surge para quem quer estar nos EUA se sentindo um cidadão por alguns dias: a moradia.


O

s condomínios fechados, conceito muito famoso aqui no Brasil, sempre existiram nos Estados Unidos também, principalmente ao redor dos grandes centros, visando unir o conforto de casas amplas, com espaços de lazer comuns, com a facilidade da proximidade com shoppings, supermercados, ou locais de diversão. Agora eles se tornaram uma opção de hospedagem, onde, em poucos dias, você pode ir ao supermercado, cozinhar, aproveitar espaços de lazer compartilhados, e se sentir um verdadeiro morador americano. E por valores acessíveis e cheios de facilidades.

Kissimmee A região une grandes condomínios com centros comerciais e de

convivência, tornando-se uma das melhores opções de hospedagem para os que querem fugir da impessoalidade dos hotéis, e viver o dia-a-dia americano. Cercada de belas paisagens, lagos naturais, e importantes rodovias, permite se usufruir das opções de lazer naturais, ou então acessar os parques mais famosos da região sem dificuldade.

Fiesta Key Resort Disney Este condomínio fechado repleto de verde está a 10 minutos do complexo de parques Walt Disney World. Os apartamentos são completamente decorados e oferecem cozinha montada completa, camas que acomodam até 10 pessoas, de 3 a 5 banheiros por casa, TV com diversos

canais a cabo, aparelho de DVD. Na área comum do condomínio, piscina, quadra de tênis, academia e sala de jogos, para os que buscam lazer e boa forma. Para cuidar da roupa, uma lavanderia coletiva está à disposição.

Liberty Village Localizado a 30 minutos do Aeroporto Internacional de Orlando, possui opções de casas de 4 a 7 dormitórios. E opções de lazer são o que não faltam no condomínio: passeios à cavalo, caminhadas por trilhas naturais, centro de convivência, passeios em lagoas, rafting, numa área com fartura de opções de lazer. Próximo também estão shoppings, cinemas, restaurantes, e fast foods. Para as compras rápidas, o famoso 7 Eleven e o Walmart.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

39


TREND INDICa no Exterior

Crowne Plaza Los Angeles International Airport Comodidade e conforto numa localização ideal

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Shutterstock

para turistas corporativos

40

L

ocalizado no Century Boulevard, a menos de 2 km do Aeroporto Internacional, oferece acomodações suntuosas com serviços e adicionais relevantes, como um serviço de van 24 horas que leva e traz hóspedes do aeroporto. Duas rodovias estaduais estão próximas do hotel, o que permite saída fácil para qualquer outro destino no país, e para as atrações principais, os estúdios de Hollywood, a Disneylândia e o Universal Studios. Próximo também ao Aeroporto de Long Beach e ao Aeroporto de Burbank. Para quem tem acesso aos trens a estação mais próxima é a Union Station, e a de metrô mais próxima ainda é a Green Line Aviation Station.

Oferece ainda, para aqueles que não podem se desconectar nunca, wi-fi por todo o hotel e um Business Center bem montado. Ideal para eventos possui quase 5 mil metros de salas de eventos flexíveis, para acomodar todo o tipo de reunião ou convenção, e possuem uma equipe preparada para que tudo corra da melhor forma, com todos os tipos de equipamento à disposição com a mais alta qualidade em projeção, som e vídeo. Dentro do hotel, a melhor gastronomia no The Brasserie Café & Grill, com pratos feitos com ingredientes locais, No Java Net Café, a deliciosa pizza feita em forno à lenha, café Starbucks, sanduíches e saladas, com serviço de internet incluso. E no LAX Jazz Club,

o lugar perfeito para um happy hour, com vinhos, cervejas especiais, vários tipos de drinks, e um dos melhores hambúrgueres de Los Angeles, com sessões de Jazz ao vivo às quintasfeiras. Além disso, o serviço de quarto do hotel é 24 horas. Os hóspedes podem ter momentos de relaxamento, piscina, academia, sauna e SPA, que oferece massagens e tratamentos faciais. Para quem precisa, serviços de arrumadeira, lavanderia e passadeira, que funcionam das 10 da manhã às 10 da noite, com serviço de retirada e entrega de roupas, e lavagem à seco para o mesmo dia. Para os que necessitam sempre de transporte, balcão de informações das mesmas companhias aéreas do


página ao lado, vista noturna de Los Angeles, com as acomodações do crowne Plaza.

41 SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Ao lado, famosas palmeiras da rua Sunset boulevard.

Los Angeles é tida como a cidade dos artistas e também do business. Por isso, trazemos aqui uma opção ideal de hospedagem para também não abre mão de conforto e bem-estar.

Shutterstock

quem está a negócios, mas

Exclusividade TREND

Welcome drink + Late check-out

Pontos Turísticos Próximos • Marina Del Rey. • Hollywood Park Racetrack & Casino. • El Segundo Plaza. • Los Angeles Convention Center. Aeroporto de LA, balcão da Budget para aluguel de carros, serviços de city tours e de agente de viagens, além de casa de câmbio, tudo isso sem precisar sair de dentro do hotel. E entretenimento ao redor é o que não falta. Praias, shoppings e museus estão por todo o lado nessa localização privilegiada, permitindo momentos de lazer, descontração e cultura, como o Getty Center (com exposições de arte dos séculos 19 e 20), a Praia de Manhattan, e o Pier Santa Monica, ponto turístico famoso de Los Angeles.

Diferenciais Alguns itens fazem deste hotel corporativo uma boa opção para

outros tipos de hóspedes. Permite o check-in às 15h00, e a possibilidade de um late check-out. Tem proximidade com entidades que recebem animais, muitas vagas de estacionamento (600 no total), funcionários que falam diversas línguas (inglês, francês, hindu, italiano, japonês, espanhol, filipino, e até português), acesso à internet facilitado, suítes específicas para não-fumantes, e acessibilidade para pessoas com deficiência.

• Manhattan Village Shopping Mall.

Jornais são entregues na porta do quarto e uma máquina de fazer café e chá fica dentro de cada suíte, para a manhã começar bem. Algumas suítes oferecem cozinha completa, com geladeira, microondas, louças e talheres, para refeições reservadas.

• Nokia Theatre & La Live.

• Manhattan Beach. • Base Aérea de Los Angeles. • Disneylândia. • Universal Studios. • Hollywood. • Centro de Los Angeles. • Santa Monica Pier. • Staples Center. • Home Depot Center. • Igreja Católica de St. Anthony. • Congregation of Tikvat Jacob. • Islamic Center of Hawthorne.


experiências de viajante

Viagens divertidas Por Rubem Duailibi (Diretor de Novos Negócios da DPZ Propaganda)

U

m dos maiores prazeres que existe na vida é viajar. Viajar por aí, de repente de carro pra algum lugar, numa estrada curtindo cada curva.

Mas a viagem completa é aquela que você não planeja, quer dizer, planeja somente a passagem e hospedagem. De resto tudo é uma aventura nova, como comer comidas típicas de cada região... mas com moderação, senão você não vai mais sair do hotel e vai contar todos os azulejos do banheiro!

44

Ele olhou para nós dois e falou para a velhinha: - A senhora pode seguir seu rumo! Fiquei olhando o guarda que me falou o seguinte: -Tenho certeza que o senhor é turista! Estava observando a senhora cair e o senhor gentilmente quis ajudar. Perceba que aqui ninguém ajuda ninguém. E da próxima vez que o senhor ajudar alguém, será agredido. Não se meta com ninguém, entendeu? Aprendi que em New York cada pessoa tem uma individualidade inacreditável. Ainda bem que nenhuma senhorinha caiu mais na minha frente. Peguei meu equipamento de filmagem e segui meu rumo. New York é assim: cada um por si.

Rubem Duailibi

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Uma viagem incansável é ir pra New York. A cidade é divertida, tem vários restaurantes novos, porque a quantidade que fecha é incrível! Eu era estudante de cinema na New York University, e teria que ficar mais de um ano na cidade. Aconteceram vários fatos, porque eu teria que sair com uma câmera Arriflex e filmar sem parar pra depois editar na moviola. Eram os tempos onde nem se pensava em laptops com programas de edição como Premiere e Avid, onde qualquer pessoa grava cenas na sua câmera e edita. Isso fez com que grandes produtoras acabassem. Vamos voltar aos fatos engraçados: um dia passeando na 5a. avenida, vejo uma velhinha tropeçando no meio da rua e caindo. Corri em direção dela, e tentei levantá-la. A velhinha começou a me dar várias bolsadas na cara e no corpo. Como vocês sabem, New York é uma cidade policiada, e imediatamente um policial estava na minha frente. Pronto, uma situação inesperada começa a acontecer: eu sendo turista, com o passaporte dentro do apartamento, e virando o agressor da senhora idosa. A velhinha vendo aquele policial fardado na nossa frente, parou de me dar bolsadas.

É uma cidade linda! E cheia de loucos! Leve sempre uma máquina fotográfica com você! Essa minha foto que ilustra essa matéria, é de um homem que estava fantasiado no Valentine’s Day (Dia dos Namorados), empurrando um carrinho de bebê. O bebê latia a abanava o rabo! New York é uma surpresa a cada esquina!


Shutterstock

curiosidades

Gol de placa em 2014

Por Alexandre Minghini

D SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Shutterstock

urante 30 dias entre 11 de junho e 11 de julho de 2010, a África do Sul foi palco do evento esportivo mais disputado do mundo: A Copa do Mundo. Foram trinta e duas seleções de todo o mundo, espalhadas por nove cidades do país africano, arrastando multidões aos estádios e seus arredores.

46

Acima à direita, Torcedor com vuvuzela , ao lado, logo da copa de 2014 e acima, Jogo em Johannesburg.

No total, 350 mil turistas (80% europeus) desembarcaram naquele país e movimentaram uma média de R$ 11,4 mil cada um, sem contar as passagens. Ao longo do evento, as empresas africanas apresentaram bons resultados, principalmente em termos de ocupação hoteleira, locação de veículos e venda de produtos tendo a Copa como tema. Diferente da África do Sul, o Brasil prevê um retorno bem mais significativo. Serão 12 cidades a sediar a Copa de 2014 e todas já fizeram seus cálculos para saber em que precisarão investir. Apesar da preocupação com as obras dos estádios, a Copa do Mundo exigirá

investimentos em infraestrutura urbana, o que significa a reforma e construção de hotéis, aeroportos e vias de acesso – a previsão é de 15 bilhões de dólares. O governo espera conseguir que o setor turístico responda por 4,5% do PIB nacional em 2014. Devido as suas dimensões e as belezas que oferece, o Brasil deverá receber cerca de 600 mil turistas durante os jogos, isto significa um aumento de 12% no fluxo normal de visitantes estrangeiros no país. Calcula-se que a mobilidade e viagens entre cidades arrecadem cerca de R$ 11,5 bilhões. Além de programas de capacitação oferecidos pelo Ministério do Turismo aos profissionais, alguns estados já estão sendo contemplados com empréstimos para investir no setor, como é o caso do Rio de Janeiro e Pernambuco, que receberão juntos U$D 187 milhões do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).


Viaje com saúde Por Alexandre Minghini

Movimentar-se durante o voo, caminhar no interior do ônibus ou avião, e ter um cuidado especial com a pele e mucosas é essencial para uma

Shutterstock

viagem tranqUila.

O

final de ano está chegando, todos estão programando aquela viagem para bem longe nas férias e nada pode sair errado. Ou então ainda há uma série de eventos em que é necessário comparecer, incluindo viagens de avião. Por isso, é sempre bom ficar atento com a saúde, caso a viagem seja longa. O corpo muito tempo parado prejudica, e muito, a circulação. A contração dos músculos ajuda a bombear o sangue pelo organismo todo e ficar parado, por horas intermináveis, em um ônibus, carro ou avião é terminantemente proibido. A regra é se movimentar. O problema mais grave e conhecido é a trombose. Geralmente, os primeiros incômodos que aparecem são pernas e pés inchados, acúmulo de líquidos, além da dor e dificuldade de locomoção. Porém, para quem já tem um quadro de varizes, ou algo do gênero, ele pode se agravar e um coágulo pode se formar dentro do vaso sanguíneo. Isto é uma trombose. Viagens longas podem ser responsáveis também por outros tipos de problemas menos conhecidos. Muito tempo em local com ar condicionado cria um ambiente frio e seco, o que diminui a produção de óleo na superfície da pele, deixando-a ressecada. Para evitar este problema, o ideal é ter sempre um creme ou loção à mão. As mulheres devem evitar batons, pois em geral eles tem substâncias que retiram umidade da pele. Um colírio (com função lubrificante) é um ótimo aliado no combate ao ressecamento dos olhos. A baixa umidade do ar faz com que a lágrima evapore mais rapidamente. O resultado é ardência e vermelhidão. No caso de quem usa lentes de contato, é importante que viaje sem elas. O nariz também sofre com viagens mais longas, pois o ar seco da cabine provoca ardência nas narinas por ressecar a mucosa. Neste caso recomenda-se soro fisiológico. Movimentar-se durante o voo, caminhar no interior do ônibus ou avião, e ter um cuidado especial com a pele e mucosas é essencial para uma viagem tranquila. Afinal, a viagem, por mais que seja longa, é apenas o começo de um merecido período de descanso e prazer. E repasse adiante essas dicas importantes!

47 SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

saúde


gastronomia

Cleiton Thiele

Festival Internacional de Gastronomia de Gramado

48

Cleiton Thiele

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

O

Os melhores da gastronomia mundial são destaques na Serra Gaúcha

Festival Internacional de Gastronomia de Gramado é um evento que acontece todos os anos e já se consagrou pelo mundo como um dos mais importantes. Acontecendo sempre no mês de outubro, reúne os restaurantes da cidade, assim como Chefs de cozinha de todo o Estado do Rio Grande do Sul. Divide-se em duas principais atrações: o Tour Gastronômico e o Concurso Cozinheiro Chef!

Tour Gastronômico É o momento mais democrático de todo o Festival. Qualquer restaurante da cidade de Gramado (RS) pode participar, bastando para isso contar com a sua própria criatividade e originalidade, explorando os sabores e os ingredientes de suas cozinhas. As casas inscritas devem apresentar um prato inédito e exclusivo, que durante os 10 dias de Festival será oferecido aos turistas e clientes por um valor especial.


Com vagas limitadas é aberto aos estabelecimentos de todo o Estado do Rio Grande do Sul que podem inscrever seus Chefs. Eles participam de um processo de demonstração de suas habilidades e experiências. Através da avaliação de um júri atento, é escolhido o mais talentoso Cozinheiro Chef do Rio Grande do Sul.

História O Festival Internacional de Gastronomia de Gramado teve sua primeira edição em 2007 nos moldes do tradicional Festival de Tiradentes (MG). O grande destaque foram os 8 jantares comandados por Chefs da Itália, França, Argentina e Brasil. Mais de 900 pessoas participaram, além de outros 13 mil visitantes que estiveram nas degustações de vinhos na Rua Coberta.

Aconteceram também mais de 20 oficinas para cerca de 1.500 participantes, e 12 dos principais restaurantes da cidade participaram do concurso Melhor Cozinheiro Chef. Em 2008 o festival consolidou-se, sendo reconhecido como um importante evento da alta gastronomia no estado do Rio Grande do Sul.

Estabelecimentos do Tour Gastronômico de 2009: Água Doce Cach Antigo Atelier Armazém 31 Belle Du Vallais Bistrot Café Canela Bistrot Cantina Di Capo

Foi quando Gramado passou a integrar o Circuito Nacional de Gastronomia, sinalizando a região como pólo turístico neste campo de interesse, contribuindo para a troca de sabores ao lado de uma modernidade mundial. No ano passado um novo capítulo dessa saborosa história foi escrito, com a presença de Chefs da França, Brasil e Espanha e a realização de mais de 40 oficinas para 3.500 visitantes, 27 restaurantes participantes e mais de 20.000 degustações.

Cantina Pastaciu Casa Di Pietro China in Serra Colosseo Dei Tallini

49 SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Concurso Cozinheiro Chef

Fritz Haus Il Piacere La Caceria La Famillle de Gazon La Table D’or Le Chalet de la Foundue Petit Brasil Ratatouille Ristor Tomasini

Evento que acontece anualmente na

San Tao

cidade de Gramado, reúne os melhores

Swiss Cottagge

Chefs de todo o Rio Grande do Sul, que

Tagliarini Tarantino

tem o desafio de apresentarem pratos

Taverna del Nonno

Cleiton Thiele

Vila Gramado Glamour e Jasmin

Cleiton Thiele

Cleiton Thiele

com os ingredientes da região.


gastronomia

Cleiton Thiele

Premiado no Festival de

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

O melhor Chef do Rio Grande do Sul

50

O Restaurante Belle duValais traz em sua decoração o clima europeu, as paredes escuras, com tijolos, remetem àquelas tabernas onde todos se reuniam para degustar pratos fumegantes e beber um bom vinho nos dias frios. Oferece diariamente um cardápio especial onde é possível provar, além dos famosos fondues, delícias incomuns, como bacalhau grelhado, carne de cordeiro,truta com amêndoas, pato com laranja, o diferente raclette e o La Pierrade, um prato feito com pedaços de filé mignon e peito de frango assados em pedra vulcânica. Em suas adegas climatizadas estão guardados os melhores vinhos da

Serra Gaúcha e das mais tradicionais regiões produtoras do mundo. E comandando a cozinha, está o Chef Julio Souza, 42 anos, natural de Santa Catarina, mas que se considera gramadense de coração, afinal já está há 20 anos na cidade, foi o grande vencedor do concurso de Chefs do 3º Festival de Gastronomia de Gramado, que aconteceu em 2009. Julio apresentou uma receita de Carré de Cordeiro do Pampa Gaúcho ao Molho de Tannat, sendo o melhor entre os 10 concorrentes. Confira ao lado a receita do Carré de Cordeiro do Pampa Gaúcho ao Molho de Tannat, vencedora do concurso.

Gastronomia de Gramado, Julio Souza foi o melhor de 2009. Chef daquele que se intitula o Melhor Restaurante Suíço do Brasil, o Belle Du Valais, apresenta a sua receita vencedora.

Chef Julio Souza e seu auxiliar Fábio Hanel.


Carré de Cordeiro do Pampa Gaúcho ao Molho de Tannat (grelhado em crosta de aveia e sementes de girassol, rosti de mandioca e quenelles de batata doce) CARRÉ

ROSTI DE MANDIOCA

Modo de preparo

Modo de preparo

150 gr de carré de cordeiro do pampa gaúcho Óleo de canola o suficiente para grelhar Sal e pimenta a gosto 20 gr de semente de girassol 20 gr de aveia 20 gr de salvia

Tempere os carrés com sal e pimenta e um pouco de vinho Tannat. Deixe marinar por 10 minutos. Em uma frigideira de fundo grosso, em fogo médio, leve para grelhar os carrés. Triture no liquidificador a semente de girassol e a aveia. Faça uma crosta sobre os carrés.

MOLHO TANNAT

100 ml de roty de cordeiro 100 ml de vinho Tannat uruguaio 2 folhas de salvia 2 ramos de tomilho

Modo de preparo

Misturar todos os ingredientes e deixar reduzir pela metade.

50 gr de mandioca cozida de um dia para o outro 1 colher de chá de cebola picada 1 colher de chá de bacon 1 colher de chá de salsicha picada 1 pitada de sal fino

Deixar a mandioca pré cozinha de um dia para outro e ralar no ralador grosso. Em uma frigideira de Teflon dore o bacon e a cebola, misture a mandioca ralada, a salsinha picada e o sal fino, dore dos dois lados e sirva.

QUENELLES DE BATATA DOCE 50 gr de batata doce 100 ml de água 1 colher de cebolete

Modo de preparo

Picar bem a batata doce e levar para cozinhar com a água com sal a gosto. Por último, acrescentar a cebolete. Com ajuda de duas colheres, forme as quenelles.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Cleiton Thiele

51


SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

54

Ao entrar no local, o turista já percebe o ar regional, sentindo um cheiro característico da cachaça. Na visita, que pode ser monitorada e dura uma hora, o visitante recebe aulas de monitores bilíngues, que falam da história, da fabricação e do envelhecimento da cachaça. Confere, de perto, objetos que fazem parte da produção da bebida, como uma moenda de madeira de 200 anos e um alambique de cobre, equipamento usado para destilação. Esse é o clima da Cachaçaria Carvalheira. A Cachaçaria ainda comporta dois mil barris de madeira de carvalho branco, tanques de correção, laboratório químico e as dornas, onde acontece a fermentação. Em breve, esse acervo vai contar, também, com um mini engenho que está em construção, com equipamentos e, até, pequenas plantações de cana-deaçúcar. Mas o melhor são os tipos de cachaça produzidos no local. Carvalheira Cachaça do Brasil - desenvolvida para atender ao exigente mercado exterior tem total identidade com a atmosfera tropical do Nordeste do Brasil e traz na sua composição a combinação de cachaças de coluna tradicionais, sempre selecionadas com rigoroso padrão. Possui 38% em volume a 20°C. Extra Premium - o coração da Carvalheira, é primorosamente envelhecida em barris de carvalho branco, processo que lhe confere sabor aveludado, suave e levemente amadeirado. Excelente para ser bebida pura, ligeiramente fria, ou no preparo de drinques. Possui 40% em volume, a 20°C. Premium Canela - durante o processo de envelhecimento em barris de carvalho, recebe uma dose especial de extrato natural de canela. O sabor de canela ao final de cada gole agrada principalmente às pessoas de paladar mais exigente, sendo ideal para coquetéis exóticos e na culinária sofisticada. Possui 38% em volume a 20°C. Flor de Limão - cachaça branca, composta com extrato cítrico natural. Sua textura cristalina e seu sabor refrescante de limão lhe conferem uma personalidade suave, mas marcante, com características de uma bebida tipicamente tropical. Excelente no preparo de coquetéis, misturada a bebidas gasosas e saborizadas de limão, e agradável quando consumida pura, super gelada, com a textura licorosa que ela apresenta após algumas horas no freezer. Possui 38% em volume, a 20°C.

Arquivo TREND

Cachaça na rota dos turistas

Consumo

O PROPRIETÁRIO EDUARDO CARVALHEIRA

CACHAÇAS COM SABORES ESPECIAIS PRODUZIDAS MANUALMENTE MAS COM QUALIDADE INDUSTRIAL


SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

55

Santa Dose - nasceu para saciar a demanda por uma bebida leve, refrescante, gostosa e, acima de tudo, brasileira. Decidimos inovar e lançar uma bebida jamais vista no mundo, composta pela combinação da mais brasileira das bebidas, a cachaça, com um toque da fruta mais democrática de todas, o limão, e leves gotas do mais puro mel pernambucano.

Arquivo TREND

Carvalheira Premium Porto Recife envelhecida em barris de carvalho branco, com infusão de passas de frutas regionais, possui sabor suave mas encorpado que surpreende a todos que a degustam, comparando-a as melhores bebidas do mundo. Possui 38% em volume a 20°C.

Arquivo Carvalheira

Cachaçaria Carvalheira

Horário: de segunda-feira a sábado, das 9h00 às 17h00. Entrada gratuita. Informações: (81) 3481-6688.

Arquivo Carvalheira

Rua Manoel Didier, 53 – Imbiribeira – Recife – PE.


ESPAÇO TREND

D N E R T a d o h n i r O car es d a id v o n e d io e h está c A TREND tem como um de seus valores o foco do Cliente. Significa que trabalhamos, pensamos, inovamos e disponibilizamos nossas ferramentas de trabalho, bem como nossos processos ou meios de pagamentos, analisando sob a ótica do cliente. A pergunta que tentamos responder constantemente é: “O que eu, cliente da TREND, gostaria de ter?” Um local onde conseguisse comprar todos os produtos, combinando opções, com disponibilidades online, em tempo real, com facilidades de consultas, informações dos produtos, enfim tudo de maneira ágil, fácil e segura. Este é o nosso Multi Compras.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

O agente de viagens vai selecionar vários produtos TREND (hotelaria, receptivo, locação de carro, seguro viagem) encher o carrinho e efetuar um só pagamento num clique, seja através de fatura ou de cartão de crédito.

58

10 vezes iguais, é a O pagamento em até utos internacionais da novidade para os prod , central do carro, e seguro TREND: hotelaria, receptivo , ade ao seu cliente e a você ilid ib ex fl or ai m o nd da , viagem agente de viagem.


O que todo mundo fala na sexta-feira? Visando facilitar a vida do agente de viagens a TREND lança mais uma novidade: uma série de combos com produtos agrupados para um mesmo perfil, especialmente criados para incrementar o fim de semana dos clientes dos agentes de viagens, com produtos sob medida e enxutos, cada um desenhado para cada tipo de cliente. Os combos trazem destinos específicos, como aquele cliente que quer aproveitar as praias do litoral do Rio de Janeiro; os centros de compras e os shoppings centers de São Paulo; todos os serviços terapêuticos e para a saúde de um resort de alto padrão; hotéis fazenda cheios de estilo para quem quer recuperar as energias para enfrentar a cidade grande; ou então ter uma noite sofisticada em hotéis de luxo, com jantares espetaculares e shows imperdíveis. Esses combos já trazem hospedagem, traslados, receptivos e ingressos inclusos, de acordo com o gosto do cliente, facilitando tanto a compra pelo agente de viagens, quanto à oferta ao mercado consumidor. Além dessas opções, o agente ainda tem o “Monte o seu”, onde ele escolhe e decide a oferta que mais se molda e encanta aos desejos do seu cliente. Dentro de todo portfólio TREND ele cria e oferece o produto exclusivo. E todos esses produtos do Bom Fim de Semana podem ser pagos em até 10 parcelas sem juros.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

59


ESPAÇO TREND

Trend Training Center Capacitação constante é um dos pilares da TREND Operadora. Com esse intuito, foi criado o TREND Training Center (TTC) um espaço onde constantemente os agentes de viagens, colaboradores e clientes da TREND recebem treinamentos e capacitação. Dentro da sede da empresa, ele é usado para a integração dos colaboradores, capacitação de gestores, através da Universidade de Gestores TREND, treinamento de departamentos, e apresentação de produtos.

SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

Tamanho foi o sucesso dessa iniciativa, que o espaço do TTC foi replicado em nossos Workshops em Recife (PE) e Atibaia (SP) onde centenas de agentes de viagens souberam mais sobre os nossos produtos e receberam dicas valiosas sobre como tirar o melhor proveito dos sistemas online de reservas da TREND Operadora. Com certeza quem já passou pelo TTC está fazendo o seu dia-a-dia corporativo render muito mais!

60


SEGUE VIAGEM outubro/novembro 2010

61


A Accor é a maior rede de hotéis da América Latina.

São várias opções em diferentes destinos, nos encontramos onde você escolher.


r r.sc.gov.b

tu www.san


Revista Segue Viagem Edição 01  

Revista Segue Viagem Edição 01

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you