Page 1


02 Monday, January 13th, 2014

Advertisement

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

General News

Monday, January 13th, 2014

03

Brasileiro morre de ataque cardíaco em Marlborough

Da Redação

O

brasileiro Heraldo Batista Trindade, 60, morreu na sexta-feira (10) após sofrer um ataque do coração. Ele estava internado no hospital da cidade. Heraldo nasceu em Aracuai, Minas Gerais, e atuava como Pastor da Assembleia de Deus Shalom de Marlboro por

mais de uma década. Ele era casado com Sandra Trindade. O mineiro deixou dois filhos (Jordana e Heraldo Enrique Trindade), o genro Fernando e o neto Mateus. Ele trabalhou como policial militar em Governador Valadares por muitos anos e se mudou para para Framingham em

A N B T

1986. Heraldo também deixou sete irmãos e cinco irmãs (Gege, Joca, Bebeto, Zebinha, Edmilson, Gilson e Dabo; Gilzana, Diana, Eliana, Titida e Gilca). Os servicos funerários estão sendo encaminhados pela funerária Fitzgerald & Collins, localizada no 378 Lincoln Street, Marlboro, MA.

Cientistas desenvolvem supercola para emendar 'corações rompidos’ Da Redação

C

i e n t i s t a s americanos desenvolveram uma supercola com o potencial de "remendar" problemas no coração durante uma cirurgia ou interromper hemorragias em campos de batalha. O novo adesivo poderá até substituir as suturas e grampos em cirurgias do coração, vasculares ou do sistema digestivo. A equipe já realizou testes em porcos que mostraram que supercola pode selar defeitos no coração em uma questão de segundos e ainda aguentar a pressão dentro do coração. O produto poderá está disponível para o uso em humanos dentro de dois ou três anos, depois de mais testes. Os médicos já usam um tipo de cola, um adesivo, em pacientes para fechar ferimentos, substituindo pontos e grampos. Mas, até o momento, esta cola de uso médico ainda não era forte o bastante para

aguentar as forças dentro das câmaras do coração ou dos grandes vasos sanguíneos. A pesquisa foi divulgada na revista especializada Science Translational Medicine. A nova cola, desenvolvida pela Faculdade de Medicina de Harvard, pode garantir o fechamento de feridas ou aberturas cirúrgicas à prova d'água em poucos segundos com um raio de luz UV. "Desenvolvemos uma cola cirúrgica que pode ser usada em procedimentos mais abertos e invasivos e selar tecidos dinâmicos como vasos sanguíneos e o coração, além dos intestinos", disse à BBC um dos autores do estudo, Jeffrey Karp, do Brigham and Women's Hospital, em Boston, no Estado de Massachusetts. Para Karp, além do potencial de substituir as suturas e grampos, a supercola "pode abrir a porta para uma maior adaptação em

A N B T

procedimentos minimamente abusivos". O polímero adesivo desenvolvido pelos cientistas americanos, que é repelente de água e sangue, foi inspirado na habilidade de algumas criaturas, incluindo as lesmas, de aderir a superfícies usando secreções viscosas que funcionam mesmo com u m i d a d e . O s pesquisadores testaram a cola no coração de porcos, que são semelhantes ao coração humano, durante uma cirurgia e descobriram que ela conseguiu reparar os defeitos no coração do animal. Segundo Karp ainda são necessários mais estudos para garantir a segurança do uso da supercola em humanos, mas os resultados até o momento sugerem que a cola cirúrgica também poderá ser usada para fechar rapidamente feridas abertas.


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

General News

Monday, January 13th, 2014

05

De Jaraguá do Sul, brasileiro se muda para os EUA e alimenta sonho de jogar na NFL

Giovane Takanage, o Buiu, exibe as credenciais da escola que defende e lhe dá a chance de trilhar um espaço na principal liga de futebol americano do mundo Da Redação

C

ondições para materializar um sonho existem. Jogador de futebol americano, Giovane Takanage, conhecido por Buiu, vislumbra um dia estar em ação na National Football League, ou NFL, a maior liga da modalidade do mundo. O primeiro passo foi dado pelo 'running back'. Ele já defende a equipe da escola de ensino médio de Saint Thomas More, em Connecticut. O caminho até uma equipe profissional ainda depende de ser convidado a uma universidade e por fim participar de um seletivo 'draft' (escolha pelos times). Takanage, de 19 anos, está há cerca de quatro meses nos Estados Unidos e garante estar adaptado ao país. De férias no Brasil, ele avalia que a pior parte, o choque cultural, já está superada. - O mais difícil foi o aprendizado, porque é uma nova cultura e um outro jeito de entender as coisas. Agora já estou conseguindo me virar mais tranquilo, principalmente com a língua - disse Buiu, que também coloca a necessidade de aprimorar a parte física no começo dos treinamentos como outra diferença que

A N B T

encarou na terra de Tio Sam. Ele morava em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, até se mudar para os Estados Unidos – embora seja natural de Araraquara (SP). O gosto pelo futebol americano vem desde os 16 anos, quando começou a defender o Corupá Buffalos. Em 2013 atuou por dois meses no Jaraguá Breakers, antes de ser aceito para estudar e jogar na escola norte-americana. Ele levou para Saint Thomas More, em seu currículo, um título nacional pelo Breakers, de Jaraguá, e um Campeonato Catarinense defendendo os Buffalos. Buiu segue os passos de Damian Vaughn e Maikon Bonani os únicos brasileiros que disputaram a NFL. Porém, espera que seu desempenho seja diferente dos dois, que não passaram de meros integrantes das equipes que participara. Para isso, o 'paulista-catarinense' sabe que não depende apenas de seu desempenho sobre a grama. - Estou me dedicando nos estudos, pois é preciso fazer provas para entrar na faculdade, por ser um jogador internacional. A partir daí pretendo jogar bem e, se Deus quiser, um dia entrar na NFL.


06


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

General News

Monday, January 13th, 2014

07

Valadarenses contam como é voltar ao Brasil Após anos morando longe de casa ilegais relatam as dificuldades do regresso Agatha Brunelly -

S

e você perguntar para algum morador de G o v e r n a d o r Valadares, Minas Gerais, se ele conhece ou tem algum familiar que emigrou para os Estados Unidos da América, as chances dele dizer que sim são bastante altas. Isso acontece porque essa cidade brasileira é uma das mais conhecidas por ter enviado pessoas para os EUA. O maior fluxo dessa emigração aconteceu nos anos 90. Porém, com a crise econômica de 2008 o número de valadarenses que retornaram à cidade natal também foi grande. Hoje, anos depois da volta desses emigrantes, eles contam como foi o retorno. Quais as principais dificuldades que enfrentaram e as emoções que vivenciaram ao regressarem para famílias, amigos, pertences e vida que deixaram ao partir. Elcilene Maciel nos anos 2000 emigrou ilegalmente e deixou em Valadares os pais e dois filhos, ainda crianças. Em F r a m i n g h a m , Massachusetts, ela viveu cinco anos e cinco meses, onde se casou e teve outros dois filhos. Apesar do marido e ela trabalharem, as despesas das famílias – uma nos EUA, outra no Brasil ficou insustentável. Em outubro de 2009 a família retornou ao país de origem. “Decidimos vir embora

brunellyagatha@gmail.com

porque nossa despesa lá com duas crianças ficou grande, além da família que eu tinha que sustentar aqui. O meu dinheiro era só mesmo para pagar babysister e fazer a despesa no Brasil. Assim, meu m a r i d o a c a b o u desesperando, foi dar ouvidos as pessoas que estavam no Brasil e diziam para ele que aqui estava muito bom, que aqui a gente não ia ter dificuldade, que iríamos arrumar emprego rápido. Naquela época o dólar estava super baixo, não estava nem dois por um. Mas, se nós não tivéssemos despesas aqui nós viveríamos lá muito bem”, relatou Elcilene. Ela conta que no momento em que saiu do aeroporto se arrependeu de ter retornado. “Na hora que desci no aeroporto de Belo Horizonte, Minas Gerais, e senti o calor – porque eu sai de lá no frio – eu já estranhei. Quando a van buscou a gente no aeroporto e eu comecei a ver as casas, as pessoas eu disse: 'eu quero voltar agora para trás. Não quero ficar nesse lugar'. Eu quis voltar no mesmo instante, no mesmo dia. Mas, para o meu marido foi tudo festa, ele custou a cair em si. Na verdade de um ano para cá que ele admitiu que a gente poderia ter ficado lá”, afirmou. Ela relata que a readaptação a Valadares foi

A N B T

bastante difícil. Apesar de ter vivido mais de duas décadas no Brasil, quando regressou ao país tudo era estranho e novo. “Ao retornar fui rejeitada por muitas pessoas por andar simples, por ter mudado meu jeito de pensar. Aqui foi muito terrível a questão da alimentação, minha filha e eu sofríamos muito porque não achávamos as coisas que gostávamos de comer e se achávamos eu não tinha condição financeira comprar algo importado. O Lucas, meu filho mais novo, sofreu muito com o calor, aqui ele ficou muito doente. L á e l e t i n h a acompanhamento médico porque é por conta do governo, aqui eu não tinha acesso ao hospital”, disse. Elcilene explica que somente após dois anos conseguiu se reinserir no mercado de trabalho – a mesma empresa que trabalhou antes de sair do país. “Quando chegamos meu marido começou a trabalhar como servente de pedreiro. Já eu, quando fui embora do Brasil, meu patrão tinha me dito que se eu quisesse voltar a minha vaga estaria lá. Quando cheguei fui até a empresa que trabalhava e pedi meu emprego de volta. Na época não tinha vaga. Tinha colocado currículo em vários lugares, parecia que ia dar certo, mas não dava. As pessoas não acreditavam que eu tinha morado fora, achavam que por algum outro motivo a minha carteira tinha ficado tanto tempo sem ser assinada. Eu deixava claro que não

Brasileiros voltam ao Brasil, mas sentem saudade dos EUA

estava no Brasil, mas não acreditavam”. Apesar da vontade de retornar Elcilene não pensa em morar ilegalmente nos Estados Unidos. “Hoje em dia prefiro minha situação aqui, mesmo com todas as dificuldades, do que ser uma pessoa ilegal nos EUA. Um dia sei que legalizada vou estar por conta dos meus filhos. Porém, vejo meu futuro aqui e lá. Mas, quero voltar por conta dos meus filhos porque sei que lá eles vão ter uma vida bem melhor do que aqui”, comentou. Em busca de um futuro melhor, a valadarense Marcela Souza e seu marido viveram quase cinco anos ilegalmente em Newark, New Jersey. Ela também regressou em 2009, porém o motivo não foi financeiro, e sim por problemas de saúde. “A nossa ideia não era mais voltar para o Brasil. Queria viver lá, já estava adaptada, gostava da minha vida. Resolvi vir porque fiquei doente, tive que ser internada e eles não diagnosticavam o que eu tinha. Pelo meu pai ser médico no Brasil ele ficou assustado com aquela situação. Com 15 dias comprei minha passagem, coloquei minha casa em um

contêiner e vim embora. Foi tudo muito rápido”, contou Marcela. Para ela a parte mais difícil de ter voltado foi o primeiro ano no Brasil. “Quando cheguei aqui foi um choque. Para a gente se manter no início foi difícil. A princípio tive o apoio da minha família, mas tinha que me adaptar a uma nova realidade. Nem eu nem meu marido tínhamos formado na faculdade. Na época a minha condição – da doença – não me permitia nem voltar a estudar, nem trabalhar, meu tratamento era muito pesado. É um sofrimento voltar porque nos EUA é muito diferente. Lá as coisas funcionam mesmo que você seja um imigrante ilegal. Hoje estou readaptada, mas as pessoas que vão sempre ficam com um pé lá e outro cá”, assegurou. Marcela ainda deseja voltar a morar nos Estados Unidos, mas não como morou. “Tenho vontade de voltar para lá. Se eu pudesse voltar legal eu voltaria. Já como ilegal não quero mais pagar esse preço alto porque perdi momentos do Brasil. A vida é um filme que não volta atrás e você vai perder se você não viver. Acredito que não encaro uma vida

ilegal mais até porque essa doença que eu tenho se agrava com questões emocionais. Talvez não vou ser feliz 100% nem lá nem cá. Lá eu era feliz, mas me faltava minha família e meus amigos. Aqui eu tenho minha família e meus amigos, mas acho a vida muito sofrida”, pontuou. Especialista explica porque é tão difícil retornar ao Brasil A psicóloga brasileira Lídia Barantes desenvolveu no curso de mestrado uma dissertação sobre o emigrante retornado. De acordo com a pesquisa, Lídia garante que de qualquer forma o emigrante fica marcado pela experiência fora do seu país de origem. Para ela, quando uma pessoa volta para o Brasil a dificuldade de readaptação pode ser tão grande que há casos de pessoas que não conseguem prosseguir com a vida brasileira. Ela afirma que não é só uma questão de estar em um lugar fisicamente. Quando uma pessoa regressa ao Brasil depois de anos morando fora as experiências vividas e os hábitos adquiridos tem que ser adaptados ao lugar onde ela está morando atualmente. E isso pode ser muito complicado. Com a pesquisa, Lídia conseguiu observar nos retornados alguns sintomas depressivos, porém subjetivos, uma vez que cada pessoa lida com a situação de retorno de uma forma. “Alguns tem dificuldade para dormir, ficam mais depressivos, outros não apresentam nada disso. Não existe uma regra. De um modo geral sobre a perspectiva dos retornados, observa-se a dificuldade de enfrentar o novo. O acompanhamento profissional psicológico é importante no novo recomeço”, aconselhou Lídia.


08

Monday, January 13th, 2014

Advertisement

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

General News

DISPOSIÇÃO CRIMINAL, IMIGRAÇÃO e VOCÊ Dra. Michele Da Silva

U

ma das áreas mais complexas da lei de imigração é como antecedentes criminais podem afetar a vida de um imigrante. A razão é que a lei de imigração não tratar infracções penais da mesma forma como o direito penal. É por causa desta distinção, entre as duas áreas de direito, é que um imigrante pode se encontrar prejudicado quando as duas áreas da lei se cruzam. Um grande número de imigrantes quando são confrontados com um problema criminal entram em contato com um advogado que trabalham na área exclusiva de defesa criminal. Este é um passo lógico. De facto, esperamos que um advogado que so representa clientes na área de defesa criminal tenha melhor capacidade de resolver ou lidar com uma questão criminal. No entanto, pode ser um choque para muitos imigrantes, que a maioria dos advogados na área de defesa criminal não lidam diariamente com caso de imigração, e muitos não t e m u m v a s t o conhecimento da lei de imigração. Aí reside o problema. A razão é porque a leis de imigração nem sempre tratam da disposição de um caso criminal da mesma forma como na área do direito penal. Por exemplo, na lei estadual de Massachusetts, uma disposição de um caso através de uma Continuance Without a Finding (CWOF) não é considerado uma condenação. No entanto para efeitos imigratórios, uma CWOF é tratada como uma condenação dentro da definição da lei de imigração e dependendo do crime acusado pode ter graves repercussões no status de imigração do imigrante. A verdade é que existem advogados que representam imigrantes na área do direito penal, e com boas intenções, oferecem uma forma para concluir o caso criminal (muitas vezes sem o cliente ter que

ir para cadeia) mas sem atualmente saber ou entender a conseqüência colateral na área de imigração que o imigrante terá. Da mesma forma, há advogados que atuam na área geral, e aceitam casos na área de imigração, pensando que envolve apenas “o preenchimento de formulários,” (como muitos imigrantes) e não entendem o efeito que um registo criminal pode ter para o cliente uma vez que ele tenta obter benefícios com a imigração. A falta de competência profissional de advogados na área de imigração resultou em um grande caso chamado Padilla v. Kentucky ser levado ao Supremo Tribunal de Estados Unidos (a mais alta corte do país) em 2010. Este caso envolve um imigrante de Honduras, Sr. Jose Padilla, que tinha sido um residente permanente (tinha o green card) há mais de 40 anos e foi preso por transporte de maconha. Durante seu caso criminal, o seu advogado aconselhoo a declarar-se culpado das acusações para que ele pudesse aceitar o acordo oferecido pelo promotor. Quando o Sr. Padilla perguntou a seu advogado como a condenação afetaria seu status de imigração, o advogado lhe disse que "ele não tem que se preocupar." Na verdade, essa condenação colocava o Sr. Padilla em inevitável risco de deportação. Como pode o caso de Padilla v Kentucky te beneficiar hoje? Com o resultado da jurisprudência estabelecida no caso de Padilla v Kentucky, os a d v o g a d o s especificamente, os advogados que praticam na áreas de defesa criminal, tem a obrigacão legal de informar os seus clientes sobre o risco de deportação de uma convicção. Mas o que é uma condenação? A condenação pode ser definida como: um julgamento formal de culpa ou quando não tem um conclusão formal de culpa (1) se o acusado admite a culpa, nolo

A N B T

contendere ou admitiu fatos suficientes para justificar a conclusão de culpa, e (2) o juiz ordenou que algumas forma de punição, constrangimento, penalidade na liberdade do acusado ser imposta. A lei é clara, um advogado de defesa criminal deve informar seu/sua cliente das conseqüências de imigração de seu acordo/condenação e não pode mais permanecer em silêncio sobre a questão da imigração. Advogados que não cumprem esse dever legal, na verdade, está sujeito a ser acusado de ineficiente assistência. Se você hoje tem um processo criminal, ou se você tiver um no futuro, procure saber se o seu advogado de defesa criminal compreende das leis de imigração. Pergunte se ele/a tem frequentado workshops de treinamento na área de imigração. Se sim, quanto tempo atrás? Se não, pergunte se ele/a tem contato com advogados com experiençia em imigração, que você possa chamar para perguntar mais sobre o seu caso. (Lembre-se que não é suficiente se declarar u m a d v o g a d o especializado na área de imigração. Um verdadeiro especialista tem anos de experiência na área e frequentemente sua pratica e limitada em especificas áreas.) Pergunte se você pode obter o número deste advogado de imigração. SEJA PROATIVO EM S U A R E P R E S E N TA Ç Ã O . Chamar o advogado de imigração e se possivel agendar uma consulta para que ele/a possa rever o seu caso. Não faça atalhos com os seus direitos. O custo de uma consulta com um advogado com experiência na area de imigração poderá te poupar muitos dólares no futuro, bem como te prevenir muitas noites de insônia por causa de preocupações. Dra. Michele Da Silva atua exclusivamente nas áreas de imigração e defesa criminal. Para mais informações ligue para Da Silva Law Group Tel. +1(551)265-4395. www.LawDaSilva.com.

Monday, January 13th, 2014

09

Nova escola de inglês abre suas portas em Allston Da Redação

A N B T

D

uas educadoras que vivem há muito tempo nos E stados Unidos e que concluíram seus estudos em seus países de origem e aqui, decidiram abrir uma escola de Inglês, não só com o propósito de ensinar a língua, mas também com o objetivo de fornecer programas focados em negócios, onde os alunos poderão aprender desde como fazer um currículo correto e competitivo para o mercado Americano até como lidar com questões ligadas à imigração. ISAL (International School of Advanced Learning) nasceu da ideia de duas imigrantes Russas Marina Lvova e Julia Solomin, que tendo vivido como imigrantes conhecem as dificuldades que profissionais estrangeiros têm para se inserir no mercado de trabalho Americano. “Como educadoras internacionais que participaram de conferências em diferentes universidades da Rússia e em outros países europeus, entendemos a necessidade de programas de ESL com foco em negócios. Entendemos a importância e o valor de uma boa educação que irá proporcionar grandes resultados no final", disse uma das fundadoras da ISAL em Allston-MA. Um dos aspectos mais importantes da escola é que a ISAL está introduzindo um novo conceito “Building Block”, que basicamente busca personalizar e focar o programa em diferentes tipos de público e suas

Toda a infraestrutura é nova e está pronta para atender aos novos alunos

necessidades. Desse modo, a escola pretende tanto atender um trabalhador que tem o seu tempo limitado, quanto um jovem estudante com maior flexibilidade em seus horários. “Queremos que a escola seja o lugar preferido dos estrangeiros que vivem em Boston e também para àqueles que passam na cidade um curto período de tempo.” A ISAL não vai apenas ensinar inglês, nela você poderá participar de workshops informativos sobre finanças, questões de imigração, como encontrar um emprego melhor e como candidatar-se para faculdades nos Estados Unidos. “Acreditamos que o conhecimento é a arma mais poderosa que uma pessoa pode ter, e que

podemos ajudar as pessoas fornecendo um ensino de qualidade a preços razoáveis”, disse Julia Solomin, que garante ainda que a escola é uma das filiais do Centro Europeu p e l a P a z e Desenvolvimento das Nações Unidas. A ISAL iniciará suas aulas a partir do dia (01/14/14) às 18:00 horas, com salas bem equipadas e uma equipe de profissionais que falam Inglês, português e espanhol para melhor atendê-lo, todos alunos receberão a primeira aula gratuitamente. Para mais informações ligue 855 595 5885 ou acesse www.isalusa.com International School of Advanced Learning 20 Linden Street 2nd Floor
Allston, MA 02134


10 Monday, January 13th, 2014

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

General News

Pastor José de Souza se arrepende de ajudas à Devair Lucas e pede perdão a vítimas Beto Moraes

T

erminar o ano com as contas ajustadas. Essa seria a e xpressão correta para justificar os pedidos de perdão feitos nas últimas três semanas pelo pastor José de Souza (Igreja Assembleia de Deus Salvação da Graça) a vítimas do estelionatário Devair Lucas a quem esteve diretamente ligado até o fim do ano passado. Lucas é acusado de uma série de crimes no Brasil e em Boston, onde se tornou conhecido entre os brasileiros por manter um s i t e (www.ahoradaverdade.co m) que hospedava denúncias falsas contra pastores e pessoas ligadas a igrejas. Em visitas pessoais, o pastor José de Souza começou uma extensa lista de pedidos de perdão. “Admito que muitas pessoas foram prejudicadas porque acreditei nas

A N B T

Todos os documentos e provas referentes aos golpes de Devair Lucas contra os pastores Eduardo Sampaio e Ivan Silva e ao evangelista Wellington Reis estão em poder da Justiça americana. mentiras do senhor Devair Lucas”, afirmou o líder da Igreja Assembleia de Deus Salvação da Graça, de Everett. Os pedidos de perdão começaram justamente no local onde Devair Lucas promoveu mais desavenças, a Igreja Assembleia de Deus Filadelfia, de Marlboro. Lá, munido de todo cuidado com as palavras, o pastor José de Souza pediu perdão em duas etapas. Na primeira, durante uma

reunião à tarde com a cúpula da igreja, incluindo pastores e evangelistas; na segunda, à noite, diante dos membros da igreja onde reforçou as palavras de arrependimento com perdões públicos ao pastor Eduardo Sampaio e ao evangelista Wellington Reis. Reis talvez tenha sido a maior vítima de Lucas. Ele foi extorquido em mais de $ 30 mil pelo bandido que ameaçava matar sua família no interior de Minas Gerais.

Assustado, o evangelista pagou ao bandido uma espécie de resgate para manter seus pais vivos e no documento assinado por ele e Devair Lucas - na ocasião do complemento do golpe havia duas testemunhas: Gleudes da Silva e o pastor José de Souza. Logo após pagar o valor acordado, Devair voltou a pedir dinheiro. A extorsão só parou quando a polícia de Framigham foi acionada e uma ordem judicial foi emitida para que Devair Lucas não se aproximasse mais de Reis. No início deste ano o bandido desobedeceu a ordem e foi preso. A tática de ameaças às famílias das vítimas no Brasil se estendeu também aos parentes do pastor Eduardo Sampaio. Em carta direcionada ao jornalista Beto Moraes na quarta-feira, 18, José de Souza admite os erros. “Errei, se pudesse voltar atrás para desfazer as ajudas que prestei ao Devair Lucas com suas mentiras eu o faria. Mas não posso. Necessito pedir perdão aos pastores, membros de igrejas e suas famílias pelas inverdades ditas pelo senhor Devair

Pastor José de Souza se emociona ao falar do assunto

Lucas com a minha autorização”, afirmou. Na carta, o pastor fala diretamente das pessoas mais prejudicadas: os pastores Eduardo Sampaio, Ivan Silva, Ouriel de Jesus e o evangelista Wellington Reis. Nesta sequência de perdões, José de Souza esteve pessoalmente na casa do pastor Ouriel de Jesus, um dos mais conhecidos e renomados pastores brasileiros nos Estados Unidos. “Precisava do perdão dele e, assim, colocar uma pedra em cima dessa história. Numa guerra sempre há muitos feridos”, completou. Segundo o pastor José de Souza, Devair Lucas não está mais nos Estados Unidos. Pessoas ligadas ao bandido afirmam que ele teria fugido para o Brasil para evitar uma condenação no país onde vinha respondendo a vários processos. Em tempo: Não há nenhum registro legal que comprove a saída dele do

país. O s ú b i t o arrependimento do pastor José de Souza “vem” como afirma – “junto com a necessidade de paz que ele precisa”. E completa: “Muita gente inocente sofreu com essas histórias.” O ápice da mudança do pastor José de Souza foi testemunhado pelos membros de sua própria igreja em Everett na quintafeira, 19. Ele convidou o evangelista Wellington Reis para pregar na igreja e o apresentou com um pedido de perdão público. “Os homens erram mas precisam saber voltar atrás. Eu errei com este homem e prejudiquei a ele e sua família. Por isso, meus irmãos, peço a Wellington Reis, mais uma vez, perdão”, disse José de Souza. Comovido, depois de vários anos de sofrimento com as calúnias e extorsões, Wellington Reis fez uma pregação histórica na Igreja Assembleia de Deus Salvação da Graça.


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

FATOS HISTÓRICOS

PassaTimes

PALAVRAS CRUZADAS

Informática sob suspeita Em 13 de janeiro de 1989, inicia o ataque do primeiro vírus mundial de computador, um dos maiores problemas até hoje para os programadores em informática. O Sexta-feira 13 é o mais conhecido, mas atualmente são contabilizados pelo menos outros 14 mil vírus em todo o mundo. 1691 - Morre Jorge Fox, místico inglês, fundador da seita dos Quakers. 1759 - Vários nobres são condenados em Lisboa, acusados de serem cúmplices no atentado ao Rei José I. 1776 - Guerra de independência dos Estados Unidos: George Washington entra triunfante em Nova York à frente de suas tropas. 1854 - Nasce José Fructuoso Rivera, militar uruguaio, primeiro presidente constitucional de seu país, entre 1830 e 1834. 1910 - Uma ópera de rádio é transmitida pela primeira vez. A música estava sendo executada no Metropolitan Opera House, em Nova York. 1915 - Um terremoto destrói por completo a cidade de Avezzano, na Itália, provocando a morte de quase 30 mil pessoas. 1933 - O Governo republicano espanhol reprime violentamente a rebelião operária. 1939 - A Hungria adere ao pacto anti-comunista Berlim-Tóquio. 1941 - Morre James Joyce, escritor irlandês. 1942 - Representantes das forças aliadas se reúnem em Londres e declaram que irão punir criminosos de guerra após o fim do conflito mundial. 1955 - A Espanha ingressa na OCDE. 1964 - Karol Wojtyla, o papa João Paulo II, torna-se bispo de Cracóvia, na Polônia. Ele seria eleito papa em 1980. 1970 - A Câmara dos Deputados começa a fazer censura prévia em livros, revistas e jornais, dando início ao controle interno nas redações. 1979 - A YMCA amerciana, nome da Associação Cristã de Moços no Exterior, entra na justiça contra o grupo Village People por causa da música YMCA. A entidade sentiu-se ofendida pelas insinuações de que o comportamento gay era liberado nas suas unidades. 1983 - A escritora Elena Quiroga é eleita membro da Real Academia Espanhola. 1985 - Médicos franceses conseguem, pela primeira vez, trocar o sangue de um feto por meio de uma transfusão intrauterina. 1989 - O Sexta-Feira 13, primeiro vírus mundial, inicia seu ataque em computadores na Inglaterra. 1991 - Milhares de lituanos se reúnem em torno do Parlamento e enfrentan as tropas russas. 1992 - O Japão pede perdão a milhares de mulheres coreanas que foram utilizadas como escravas sexuais durante a Segunda Guerra Mundial. 1993 - Acordo em Paris para a proibição de armas químicas.

CAÇA PALAVRAS

SUDOKU

SOLUÇÃO

Monday, January 13th, 2014

11


12

Monday, January 13th, 2014

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Tv News

HORÓSCOPO Homem processa Jennifer Lopez Áries - 21/03 a 20/04

O espirito inventivo e a capacidade de improvisar soluções está em alta hoje, e a seu favor. Se não vai viajar, ande pelo bairro, descubra o que há de novo no seu bairro e na sua cidade. Encontro inesperado com alguém próximo tem tudo pra ser divertido e animador. Camaradagem.

Touro - 21/04 a 20/05 Um bom dia pra adquirir um bem eletrônico ou elétrico para a casa ou trabalho! Sonde e descobrirá. Alguém surge com dicas ótimas para cuidar da saúde. Pesquise nas redes, informe-se sobre o que de há de novo a seu favor. Apuro e cuidado, seja flexível e colabore com seu sucesso.

Gêmeos - 21/05 a 20/06 Como explicado ontem, a Lua em seu signo aumenta sua instabilidade emocional. Então, tenha sua programação livre, pois poderá mudar de ideia de um momento para o outro, decepcionando quem gosta de você. O lado bom? Liberdade pra encontrar amigos que não exigem nada!

Câncer - 21/06 a 21/07 Calorzinho bom no coração hoje, ao lado de quem ama! E você saberá de um segredo, ou de algum fato do passado, capaz de alterar seu jeito de enxergar alguém. Fique de olho nas novidades, abrindo-se para algumas que são realmente boas para seu cotidiano. É só conferir!

Leão - 22/07 a 22/08 Dia ótimo ao lado de amigos e pessoas que curtem os mesmos valores e ideais que você. Teatro, cinema, leitura, passeios interessantes - tudo soma alegria. Júpiter será um anjo da guarda poderoso, preservando você de picuinhas no reino doméstico e familiar...

Virgem - 23/08 a 22/09 Você está vivendo um período em que superar suas próprias limitações é um estimulo forte para ir adiante. O amor de alguém, por exemplo, tem algo a ver com isso também. E hoje esse assunto está em pauta: como é o amor palpável, cotidiano, distante das teorias complexas?

Libra - 23/09 a 22/10 Vibrações positivas da Lua pra você hoje sinalizam relação boa com mulheres e pessoas da família, além de uma sintonia boa com o emocional coletivo; portanto, anote ideias, arme reuniões etc. Uma dessas pessoas mais próximas irá ensinar algo bem bacana pra você.

Escorpião - 23/10 a 21/11 Dívidas: assunto que atormenta! Dívidas de todo tipo, aquelas que você sabe que tem de pagar e não sabe como são as piores. Pesquise - nas redes, na internet, com amigos - soluções, pois elas chegarão até você. Clima bom para entender motivos ocultos de seu amor e filhos.

Sagitário - 22/11 a 21/12 Vida social e casamento em destaque, ótima vibração para cuidar das pessoas que são importantes para você. E também estará aberto, alerta e capaz de dialogar e entender quem pensa e sente a vida de um jeito diferente. Não se esconda; saia e procure as pessoas.

Capricórnio - 22/12 a 20/01 Altos e baixos emocionais nas pessoas que estão ao seu entorno - você faz bem em fugir, ir ao cinema ou assistir todos os episódios de sua serie preferida, na companhia de uma comida refinada de preferencia. De manhã, mexa-se um pouco, tome Sol e não escute promessas.

Aquário - 21/01 a 19/02 Um dia magico e poderoso pra você, aquariano! Tudo flui bem pra você hoje. De manhã, ideias e pensamentos arrojados ganham destaque, anote-os. Sonhos explicativos idem. De tarde, mais empolgação com gente dinâmica. Alimente-se com frugalidade e sem excessos.

Peixes - 20/02 a 20/03 Dia de arrumar a casa, arrastar moveis, plantar uma flor no jardim, reunir a família, chamar os amigos que são a família de seu coração. Você sente a intranquilidade coletiva debaixo dos pés. Fazer o que com isso? Arte, oras. O que melhor sabe fazer. Queda livre no amor, cuidado.

por 'assédio' e quer indenização Um homem acusa Jennifer Lopez de tê-lo obrigado a enviar fotos nuas dele, prometendo um relacionamento e uma carreira na música

U

m homem chamado Rodrigo Ruiz abriu um processo contra Jennifer Lopez, exigindo que ela pague US$ 10 mil (R$ 23,8 mil) de indenização por danos morais. De acordo com o TMZ, ele acusa a cantora de tê-lo obrigado a enviar fotos nuas dele e que ela ainda se aproveitou do seu talento musical. Rodrigo afirma que Jennifer Lopez enviou uma carta para ele em 2008, onde ela teria dado a entender que ele poderia ter um relacionamento amoroso com a cantora e ainda conseguir uma carreira no mundo da música. Após não ter conseguido fazer sucesso, Rodrigo teria desistido de tudo e entrado em depressão. Acontece que a história fica mais bizarra ainda. Segundo o TMZ, que teve acesso às cartas, Rodrigo não está mentindo, o problema é que alguém teria se passado por Jennifer Lopez na

internet e ele acreditou. A polícia descobriu que o endereço de email de onde vieram as cartas são de uma mulher de 53 anos, que teria manipulado toda a história. O site americano publicou o trecho de uma das cartas. "Eu só quero que você saiba que eu me lembro de você e que eu estou interessada em você. Tenho planos em deixar meu marido. Mas eu não posso dizer muito agora, então, isso é tudo por agora. Me envie fotos de você, com roupa e

sem roupa", diz uma delas. “Aqui é a Jennifer Lopez e faz tempo que não nos falamos desde a última vez que você escreveu e, como você pode ver, eu tenho um novo namorado, o que significa que estou transando com outra pessoa”, aparece escrito em outra. O assessor de imprensa de Jennifer Lopez declarou oficialmente que este é um caso pequeno e sem importância, de alguém que está desesperado por atenção.

NOVELAS Franz foge com outros presos. Cléo vai embora e deixa Joel no hotel. O delegado vai à casa de Amélia procurar Franz e Pérola lhe conta que Sílvia está viva. Valter tenta convencer Laura a entregar Tavinho para Gaia e Toni. Ernest e Manfred discutem por causa de Franz. Joel não tem como pagar o hotel e é obrigado a fazer faxina. Amélia arruma um emprego de garçonete na casa de chá. Sonan decide fazer um retiro nas montanhas para esquecer Matilde. Aurora consegue voltar para a pensão de charrete e todos ficam aliviados. Aurora e Davi decidem se casar imediatamente. Franz pede comida em um bar de beira de estrada e quase é reconhecido pelo dono, que lê um jornal onde está publicada a sua foto como fugitivo. Marlon não conta para Tereza sobre William. André convence Nilson a levá-lo até os limites da floresta. Celina conta para Kléber sobre sua conversa com o suposto turista. Thomaz tenta se explicar para Heloísa, mas acaba expulso de sua casa. William desiste de deixar a Comunidade. André enfrenta Kléber. O investigador despista Edu e um capanga, e segue com Nilson e Celina para além dos limites da mata. Marcelo ajuda Thomaz a encontrar uma solução para seu problema com Heloísa. Kléber procura Nilson em casa. Inês tenta descobrir com Marcelo o que Thomaz queria com ele. Celina e André encontram o galpão de Kléber e fogem do vilão pela mata. Assis leva William, Lili e Rafa para falar com Tereza. Thales consegue salvar Natasha, mas Leila não escapa do fogo. Lutero convence César a fazer novos exames. Paloma recebe a notícia da morte de Leila e fala com Amadeu. Natasha descobre que foi salva por Thales. Neide fica inconsolável com a morte de Leila. Rafael pede para Eron tirá-lo da cadeia. Félix garante a Paloma que Aline será descoberta. Niko permite que Amarilys passeie com Fabrício e Adriana. Eron e Félix discutem por causa de Niko. Perséfone marca um encontro com Vanderlei. Judith avisa a Atílio que ele precisa fazer uma consulta com um psiquiatra antes de receber alta. Valdirene consegue entrar no Big Brother Brasil. Aline teme que César descubra seus planos. Stella acusa Donana de envenenar Carlão e atira, sem acertá-la. Ela a ameaça e diz que ainda precisa de provas contra Michele. Carlão esmurra Picasso. Otávio e Juliano apartam briga. Carlão diz para Otávio que Picasso tentou envenená-lo. Otávio fica dividido e diz que Picasso o salvou em emboscada para Valdo. Picasso se faz de vítima e Otávio o defende. Carlão fica desapontado com o irmão e entende plano de Picasso para afastá-los. Silvinha diz para Dorotéia que Stella oferecerá uma festa de aniversário para ela. Dorotéia fica contente com a surpresa e sabe do interesse de Stella pelo dossiê dos Vêneto. Laura discute com avô de Gui e o manda embora após questioná-la sobre criação do menino.


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Sportimes

Monday, January 13th, 2014

13

Advogados dizem que vão Botafogo assina contrato de 'até o fim' contra STJD e CBF patrocínio com a TelexFree

O presidente da Portuguesa, Manuel da Lupa, durante julgamento do clube no STJD

A

ssim que for notificada, a CBF vai recorrer para cassar as liminares que devolveram os pontos à Portuguesa e ao Flamengo no Campeonato Brasileiro. Os advogados responsáveis pelas ações prometem à Folha ir até o fim.Mesmo que isso signifique levar a decisão ao STJ (Superior Tribunal de Justiça). Luiz Paulo Pieruccetti Marques e Daniel Neves conseguiram cancelar a

decisão do STJD que tirou quatro pontos de Flamengo e Portuguesa pela escalação irregular André Santos e Héverton, respectivamente. Se a decisão for mantida, o Fluminense cairá para a Série B. A liminar foi concedida anteontem à tarde pelo juiz Marcello do Amaral Perino, da 42ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo. 'DESSERVIÇO’ Marques e Neves contestam o STJD. Em nota, o

tribunal desportivo diz que os processos na Justiça comum são um "desserviço ao futebol." "Quem presta um desserviço é o STJD, que não observa as leis e as decisões da Justiça brasileira. A minha ação é apenas uma gota no oceano e está longe de terminar", rebate Marques, sócio do Flamengo e exatleta de polo aquático no clube. "Eu preferia que isso não estivesse acontecendo. Mas o STJD achar que a pessoa que se sente ofendida por uma decisão desse órgão não vai buscar o seu direito, é uma grande ingenuidade", completa Neves, sócio da Portuguesa. FLAMENGUISTAS VÃO PEDIR MAIS LIMINARES Segundo Luiz Paulo Pieruccetti Marques, outros torcedores do Flamengo devem entrar com pedidos de liminares. "Tenho um grupo de amigos flamenguistas e ouvi que eles estavam dispostos a também protocolarem ações contra a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva", avisou.

Botafogo exibe camisa com o logo da TelexFree durante anúncio de patrocínio no Rio Da

A

empresa TelexFree fechou parceria nesta quinta-feira (09) com o clube Botafogo, do Rio de Janeiro. A marca da empresa estará estampada na parte inferior da camisa do time, abaixo da Guaraviton, patrocinadora principal. A entrada da TelexFree ocorreu logo após a Havoline não renovar o contrato. Participaram do anúncio o diretor-executivo do clube, Sergio Landau, o diretor de Marketing Ayrton Mandarino, o presidente da

Redação

TelexFree Internacional James Merrill e o tesoureiro da empresa, Carlos Wanzeler. Segundo Landau, a escolha da parceria se deu devido à "abrangência" da TelexFree no mercado internacional. "Estamos namorando o mercado americano há um tempo e a TelexFree pode nos ajudar a nos aproximarmos. Se olharem a base internacional da empresa, podem imaginar onde o Botafogo chegará", afirmou o executivo,

A N B T

segundo nota publicada no site do clube alvinegro. Um dos líderes de grupo da TelexFree em Massachusetts, Antônio de Oliveira, a empresa pretende realizar mais investimentos e não necessariamente em esportes. “Os nossos diretores estão de olho em várias áreas e, além de obter um retorno com estes patrocínios, a TelexFree encontrou um meio de agradecer a todos pelo carinho que tem recebido pelos brasileiros”, disse.


14 Monday, January 13th, 2014

Advertisement

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Advertisement

Monday, January 13th, 2014

15


16

Monday, January 13TH, 2014

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Column

SOUTH SHORE EM DESTAQUE

M

ais do que uma simples Coluna Social, um

“Point” de amigos. A Coluna presentes, pessoalmente ou desta semana será dedicada não, na vida social dentro e aos amigos que estiveram fora do South Shore.

Colunista: Marlia Granigan (“A Loira”)

Minha amiga pessoal, Mirela Franca, antiga residente do South Shore, comemorou o seu aniversario em Vila Velha, com amigos no Residencial Praia da Costa. Parabéns amiga! Um casal amigos da Coluna e residentes do South Shore: Jameson Dantas e Gabriela Almeida. Sempre lindos e chiques!

A familia Martinelli e Zancanella estiveram reunidas em Guarapari, no Restaurante Cantinho do Curuca para comemorar o Ano Novo e deliciar uma Moqueca capixaba. Hummmm!

O aniversario de Bruno Coelho também foi comemorado em Brockton. Parabéns Bruno!

Lindas e também residentes do South Shore são Andrea Kelliher da Revista Moda Girls e Helenita Morais fotografa profissional de Stoughton


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Column

Monday, January 13th, 2014

17

Coluna está de luto

F

oi com muito pesar que recebemos, na sexta-feira, a notícia do falecimento do amigo Heraldo Trindade. Ele fazia parte de uma das famílias mais tradicionais e queridas do MetroWest, pois era irmão do nosso querido Gegê Trindade e Gilzana e de outros. A coluna deseja que a Paz

Mais um brasileiro entra para a lista de bilionários da “Forbes”. Quem?

D

epois dos donos da i n d ú s t r i a catarinense de motores WEG, a revista “Forbes” acaba de anunciar que descobriu mais um bilionár i o b r a s i l e i r o . Trata-se de Alexandre Grendene Bartelle, acionista majoritário da fabricante de calçados Grendene, cuja fortuna foi estimada pela revista norte-

americana em US$ 1,4 bilhão. Segundo a “Forbes”, o fato de a Grendene ser a maior exportadora de calçados do Brasil contribuiu bastante para a boa performance da empresa que e líder de vendas no mercado internacional e a linha de sandálias Ipanema com a assinatura de Gisele Bündchen.

do Senhor ampare toda vossa família e que a comunidade toda, vai sentir falta desse que foi um exemplo de vida a todos. Que Deus te ilumine. Saiba que sentiremos muita sua falta. Heraldo foi um símbolo de seriedade para todos que o conheceram. Que Deus abençoe a todos os membros da sua família.

Home sweet home To solto na night

Gusttavo chega ao Club Lido "solto na night"

G

Mais um bilionário brasileiro

Behind the Scenes

Semana passada, Ellen presenteou sua "esposa", a atriz australiana Portia de Rossi com um carro novo de $160,000

E

llen DeGeneres, que este ano irá apresentar o Oscar, está de casa nova e não é qualquer casa. A apresentadora acaba de pagar cerca de US$40 milhões pela “The Brody House”, nome dado a nova mansão da estrela, que tem mais de 9 mil metros quadrados, seis quartos, 10 banheiros e outros luxos que a tornaram a mais moderna em arquitetura e decoração de Los Angeles (CA).

usttavo Lima será o primeiro grande nome da música brasileira que a Ipanema Productions anuncia para 2014. O sertanejo vai se apresentar no Club Lido no próximo dia 18, tradicional casa de shows americana localizada em Revere(MA). Gusttavo se diz ansioso e muito feliz, uma vez que ele estará voltando a região de Boston, onde fez muito sucesso ano passado. “Estou muito feliz com o convite e prometo mais uma vez, fazer um show muito especial que ficara na historia de Boston”, disse o cantor. A grande expectativa dos fãs do cantor é ouvir “Tô Solto na Night”, a nova aposta do cantor. A nova música faz parte do novo CD do cantor, que está em fase final de produção e conta com a produção de Zezé di Camargo e que deve ser lançado em breve.

Casados e felizes As noites continuam "calientes' na área de Framingham (MA)

O

utro casal que entrou 2014 cada vez mais apaixonado foi os jovens Fábio e Felipe Lima. Os guapos surpreenderam os amigos ao mudar o status de seus relacionamentos para “casados”, há quase 02 anos em suas páginas no Facebook. “É verdade. Estamos casados e muito felizes”, confirmou Felipe à coluna das estrelas na última sexta-feira. Fábio e Felipe: um amor jovem, lindo e duradouro

Check-up geral para este inverno rigoroso

O

Elegância em cada click dos fotógrafos do powerfesta.com

Nem as baixas temperaturas estão fazendo os brasileiros ficar em casa

Antes de entregar seu carro a qualquer mecânico, fale com Gê

que mais ando ouvindo ultimamente é sobre amigos que tiveram o carro quebrado em plena neve. Voce que ainda não fez um check-up no seu carro, não perca tempo. Antes de voltar a dirigir sob temperaturas baixas, vá a um mecânico de confiança e peça para que ele cheque tudo: freios, suspensão, pneus, filtros, nível do óleo, emissão de poluentes, correias, sistema elétrico. E também os principais itens de segurança, como macaco, chave de roda ou kit de reparos emergenciais e pneu estepe. Se você mora na área de Boston, minha recomendação é procurar o Ge's Mecânico. A oficina do Gê está localizada no número 631 Somerville Avenue, em Somerville(MA) ou ligue (781) 831-1034


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Advertisement

Monday, January 13th, 2014

21


24

Monday, January 13th, 2014

Advertisement

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com


BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Advertisement

Monday, January 13th, 2014

27


28

Monday, January 13th, 2014

Advertisement

617-616-1582

BRAZILIAN TIMES www.braziliantimes.com

Ma 2454  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you