Page 1

DNIT investe 54 milhões no meio ambiente da BR-448 Páginas 4 e 5

Página xx

Um Feliz Natal e Próspero Ano Novo!

BOLETIM 41 dezembro 2013 Entrevista Superintendente do DNIT/RS, Pedro Luzardo Gomes fala sobre os desafios da autarquia relativos ao meio Página 3 ambiente

Inovações Mais de 200 acadêmicos de três universidades conhecem o trabalho ambiental da BR-448 Página 4 e 5

Exposições O animal foi encontrado embaixo da barreira de concreto retirada para liberação do trecho da rodovia no Lote 3 Página 6

Mostras itinerantes artístico/educativas sobre descarte irregular de resíduos sólidos e processo de reassentamento alcançam mais de 1 Página 8 milhão de visitantes


GER -

EDITORIAL BR-448 – O desafio do desenvolvimento com comprometimento ambiental A preocupação ambiental avança a cada novo empreendimento. A postura assumida pelos órgãos públicos e empresas nesse sentido é positiva. Na construção de rodovias, de acordo com a Legislação Ambiental já é premissa. Esse é o caso da BR-448. Na extensão dos 22 km está o cuidado com o ambiente, refletido em Programas Socioambientais, executados pelo DNIT por meio da Gestão Ambiental (STE S.A.). Na construção do empreendimento há o cuidado com a fauna e flora, com os recursos hídricos, poluição do ar, do solo, com os vestígios arqueológicos, com os trabalhadores e as comunidades do entorno, envolvidas direta e indiretamente pelo empreendimento. As estratégias traçadas para minimizar os impactos incluem o transplante de árvores imunes ao corte (corticeiras-do-banhado, figueiras, butiás e jerivás). Para os animais foram construídas as passagens de fauna, a fim de evitar atropelamentos. Há também toda uma preocupação do DNIT com o meio antrópico, as questões sociais são abordadas nos Programas Ambientais, bem como a informação qualificada e a sensibilização para a mudança de hábitos. Assim, o Programa de Reassentamento Populacional, Comunicação Social e Educação Ambiental ampliam as ações da Gestão. Desta forma, a Gestão Ambiental da Rodovia do Parque assume um processo de mudança social, por meio do compromisso com um novo modelo de desenvolvimento, onde as soluções ocorrem através do uso de tecnologias ou métodos mais adequados ao meio ambiente como investimento no futuro.

SOBRE Neste mês, o Boletim da Rodovia do Parque traz o legado das ações executadas pela Gestão na implementação dos Programas Ambientais ao longo de mais de três anos. Entre elas destaque para as campanhas de monitoramento dos programas, as soluções encontradas para os passivos socioambientais, como o destino dos resíduos sólidos provenientes das famílias reassentadas por conta da construção do empreendimento e a transformação de uma área degradada em um banco de sementes. No que refere ao meio biótico, o importante trato com a fauna e a flora do ambiente com as realocações da fauna silvestre e as centenas de transplantes de árvores imunes ao corte e as ações diárias de supervisão ambiental. Assim como a interação com o público do entorno através de atividades de educação ambiental e comunicação social. Boa leitura!

Contate-nos

EXPEDIENTE Realização: Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) Execução: STE - Serviços Técnicos de Engenharia S.A. Conselho Editorial: Carlos Türck, Chaiana Teixeira e Letícia Frantz Jornalista Responsável: Andrea Weschenfelder MTB 10594 Fotografias: Divulgação STE S.A. Projeto Gráfico: FT Design

2

educombr448@stesa.com.br

Visite nosso site rodoviadoparque.com.br

Curta nossas fanpages fb.com/gestaoambiental.rodoviadoparque fb.com/QueArvoreVoceQuerParaOFuturo fb.com/EnderecarBR448 Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


INOVAÇÕES Solução inédita para destino final de 46 mil toneladas de resíduos sólidos Consenso entre a equipe de Gestão Ambiental após analisar várias soluções existentes na bibliografia para destinação final dos resíduos sólidos urbanos, o projeto técnico de encapsulamento geotécnico das 46 mil toneladas de resíduos remanescentes das famílias da Vila do Dique, beneficiadas pelo processo de reassentamento do empreendimento, em células projetadas na faixa de domínio da rodovia é considerado uma inovação em projetos rodoviários. O projeto considerou a adoção de técnicas construtivas usualmente utilizadas em aterros sanitários, como a impermeabilização da base das céluSolução servirá de exemplo para outras rodovias com problemas semelhantes las, adensamento dos resíduos após a disposição, drenagem de gases e cobertura final com geomembrana de PEAD, camada de solo e plantio de gramíneas.

Área degradada é transformada em banco de semente Processo de tratamento de área degradada com acúmulo de resíduos florestais, revertendo-a em banco de sementes. A iniciativa tem a parceria do Lote 1 (Consórcio Sultepa, Toniolo Busnello). A modificação da área com resíduo florestal, chamada de banco de sementes, fica localizada no km 8+200, na cidade de Canoas.

Depois de mais de um ano, a área está em acelerado processo de recuperação ambiental

Criação de sistema de informações geográficas das gestões Outra importante ação é a criação da ferramenta chamada, “Infoambiente”, um servidor de mapas acrescido de um gerenciador de documentos que disponibiliza, via web, documentos, fotos e layers (camadas de informação geográfica), em ambiente georreferenciado para acompanhar o andamento das atividades das equipes de gestão ambiental, disponibilizando ao público em geral, acesso às informações. Acesse: www.infoambiente.stesa.com.br

Boletim dezembro 2013

3


DESTAQUES Mais de 5 publicações técnicas divulgam resultados do trabalho ambiental No diálogo com a comunidade acadêmica e científica está a elaboração de artigos divulgando para a posteridade os resultados recentes obtidos pela atuação da equipe nos programas. Entre os eventos estão congressos nacionais e internacionais e workshops. Confira: 1º Workshop de Fauna - DNIT-CGMAB – Brasília 14º Congresso Brasileiro de Geologia de Engenharia “MEDIDAS MITIGADORAS DE IMPACTOS À FAUe Ambiental - “ALTERNATIVA PARA DESTINAÇÃO NA DA BR-448: REFLEXÕES E CONSIDERAÇÕES DA FINAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS DISPOSTOS INADEINSTALAÇÃO DE UMA RODOVIA EM UMA ÁREA DE QUADAMENTE: ESTUDO DE CASO DA BR-448/RS – INTENSA URBANIZAÇÃO NO RIO GRANDE DO SUL” RODOVIA DO PARQUE” 13º Congresso Brasileiro de Geologia de Engenharia e Ambiental - “O PAPEL DA GESTÃO AMBIENTAL NA MITIGAÇÃO DE IMPACTOS NA CONSTRUÇÃO DE RODOVIAS - O CASO RODOVIA DO PARQUE” 3º Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente – FIEMA – Bento Gonçalves RS “EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA GESTÃO AMBIENTAL DA BR-448: EDUCADORES COMO AGENTES MULTIPLICADORES”

1º Workshop de Comunicação Social - DNIT-CGMABBrasília “PROCESSO DE COMUNICAÇÃO COMO PREVENÇÃO DE CRISE. A IMPORTÂNCIA DE UM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO” 1º Workshop de Flora – DNIT-CGMAB – Brasília “RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS NA BR-448: UTILIZAÇÃO DE RESÍDUO FLORESTAL PARA A CRIAÇÃO DE UM BANCO DE SEMENTES”

Premiação na FIEMA Brasil 2012

Troféu de menção honrosa e participação na publicação

Com destaque, a Exposição, “Que arvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”, obteve participação especial no primeiro catálogo editado do Salão de Arte Ambiental da Feira Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente (Fiema Brasil). A publicação é um inventário da edição 2012 da exposição, realizada em Bento Gonçalves, que teve 80 obras selecionadas, entre cerca de 150 inscritas, onde a mostra da Gestão foi escolhida na categoria Instalação e recebeu menção honrosa.

Gestão conquista TOP ADVB/RS de sustentabilidade 2012 Com a visão de que a responsabilidade do cidadão vai além das atribuições técnicas, o DNIT por meio da Gestão Ambiental conquistou a categoria especial do 30º Prêmio Top Sustentabilidade ADVB/RS 2012, com o case “A semente que plantamos, os frutos que colhemos – Gestão Ambiental BR-448”. Considerada a mais tradicional e importante láurea de marketing do sul do país, o reconhecimento premia as empresas que apresentam as melhores estratégias, práticas e resultados dentro de seus segmentos. O troféu foi entregue à gestão pelas mãos do Diretor Executivo do DNIT, Tarcisio Gomes Freitas

4

Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


FAUNA

DESTAQUES

Diretoria do DNIT homenageia trabalho da Gestão Ambiental da BR-448

Diretor da STE Roberto Portella recebe a homenagem do Diretor do DNIT, Jorge Ernesto Pinto Fraxe Em dezembro de 2012, na presença de mais de 1000 pessoas, o DNIT realizou, em sua Sede em Brasília, a cerimônia de apresentação do Balanço de Atividades 2012. Na solenidade foram homenageados chefes de distritos, engenheiros, funcionários e

empresas que se destacaram ao longo do ano. Dentre as duas empresas homenageadas esteve a STE pelo trabalho desenvolvido na implementação da Gestão Ambiental da BR-448 – Rodovia do Parque. O Diretor Executivo da STE, Roberto Portella, recebeu a placa comemorativa e lembrou que a distinção sinaliza que o trabalho da área ambiental da empresa vem contemplando também o novo momento do DNIT. “Foram agraciadas apenas duas empresas e ter a STE como uma delas, homenageada por um órgão como o DNIT, numa época de mudanças e reestruturação da autarquia nos deixa muito contentes e nos indica que estamos no caminho certo”, destaca Portella. A placa comemorativa traz a seguinte homenagem: A diretoria do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) confere à STE - Serviços Técnicos de Engenharia S.A. o titulo de “Gestão Ambiental destaque em 2012” pela performance e pelos resultados alcançados nas obras da BR-448/RS.

Educação fomenta consciência ambiental em mais de 39 mil pessoas No Balanço de Atividades de Educação Ambiental está a realização de 1626 encontros com participação de 39.609 pessoas. Educadores, educandos, sociedade civil organizada, colaboradores da obra, membros da comunidade beneficiada pelo Programa de Reassentamento Populacional e população em geral foram envolvidos em centenas de ações informativo-educativas como palestras, oficinas, contação de histórias, sessões de cinema com temáticas sobre a preservação ambiental, recursos hídricos, educação no trânsito, relações no ambiente de trabalho, gerenciamento de resíduos sólidos, cuidados com a fauna e a flora, entre outros. Conforme a equipe, a maior rede de atendimento é a dos alunos, pois o mapeamento realizado pela Gestão abrange mais de 30 escolas dos quatro municípios contemplados pelo empreendimento.

Atendimento de educação ambiental contempla mais de 30 escolas do entorno

Transplantes de árvores protegem biodiversidade da área da BR-448 Desde o começo da construção da rodovia, foram transplantadas mais de 470 árvores imunes ao corte e protegidas pela legislação. As árvores foram transplantadas para locais próximos e com características semelhantes aos de origem. Após a operação, há o monitoramento de cada árvore transplantada por um período de 15 meses. Isto garante um percentual de sobrevivência total dos transplantes acima de 75%. Entre as espécies transplantadas estão: corticeira-do-banhado (Erythrina crista-galli), butiazeiro (Butia capitata)Jerivá (Syagrus romanzoffiana) e as figueiras nativas do gênero Ficus. Boletim dezembro 2013

5


GERAL Entrevista Pedro Luzardo Gomes: “ Vivemos um outro tempo, com responsabilidades ambientais...” Pedro Luzardo Gomes, 54 anos, é Engenheiro civil, natural de Uruguaiana. Há 29 anos, compõe o quadro de servidores do antigo DNER (Departamento Nacional de Estradas de Rodagem) órgão federal vinculado ao Ministério dos Transportes. Após uma reestruturação do sistema de transportes terrestre e aquaviário do Brasil em 2001, o DNER foi substituido pelo DNIT - Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do qual é o Superintendente Regional há mais de um ano. Pedro Luzardo Gomes

GA: Já havia vivenciado experiências de gestão ambiental anteriores? Qual a importância deste trabalho em obras rodoviárias? Não. Vivemos outro tempo, com responsabilidades ambientais, órgãos cobrando todos os procedimentos e nossas empresas trabalhando de forma responsável, rápida e segura. GA: Do trabalho socioambiental desenvolvido na BR448, qual poderia ser considerado especial? Os trabalhos socioambientais executados na BR-448/RS foram inovadores, responsáveis, onde todas as pessoas designadas para trabalhar se doaram totalmente realizando um trabalho não com o corpo, mas com a alma.

GA: As obras do DNIT no estado atentam para cuidados socioambientais executados pelas Gestões Ambientais. Isso representa um novo desafio para a autarquia? Sim, para o DNIT, além da inovação, o trabalho ambiental traz segurança às obras atendendo, respeitando e protegendo o meio ambiente. GA: Quais são os desafios da sua gestão para o próximo ano? Segunda ponte sobre o Rio Guaíba; as duplicações da BR-290, lote 04 da BR-392 (Porto de Rio Grande), construção BR-392 (Santa Maria - Santo Ângelo), travessia de Santa Maria, melhorias operacionais BR-116/RS e outras.

Cuidados com a fauna silvestre na BR-448 Na construção de cinco passagens de fauna, três secas e duas em arroios que irão permitir a travessia segura dos animais da área da rodovia, a Gestão Ambiental monitora as ações implementadas para mitigar os possíveis impactos ambientais causados à fauna. Entre os vários trabalhos estão a identificação de pontos de maior ocorrência de atropelamentos, verificação da funcionalidade e eficiência das estruturas instaladas para a passagem da fauna e a realização do manejo da fauna atropelada, bem como o inventário das espécies. Desde o ano de 2010 até setembro de 2013 um total de 137 espécimes foram resgatadas. Dentre os grupos, os répteis foram os que apresentaram o maior número de espécies e espécimes (10 espécies, 119 indivíduos). Com o monitoramento, mesmo antes da operação da rodovia, a equipe registrou a utilização das passagens,

através de pegadas e rastros, revelando a eficácia do dispositivo e reforçando a necessidade dos programas de fauna empreendidos pelo DNIT.

Encontros com a fauna permitem ampliar o registro da lista das espécies da área

Qualidade dos recursos hídricos é monitorada Com programas específicos de monitoramento da qualidade da água superficial e subterrânea, a equipe promove campanhas trimestrais, que direcionam e especificam estudos e ações necessárias quanto a possíveis impactos ambientais relacionados à construção da rodovia, em pontos específicos ao longo do empreendimento. Desde o início da construção foram realizadas 18 campanhas.

6

Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


O FOTÓGRAFO É VOCÊ

Imagem de caminhão pipa umidificando trecho da BR-448, ainda em construção, emoldurada pela corticeira-do-banhado (Erythrina

crista-galli) e ao centro, uma das figueiras (ficus) preservadas junto ao acesso na BR-386 ( Crédito: Andrea Weschenfelder) Envie sua foto para o e-mail educombr448@stesa.com.br e participe da coluna O Fotógrafo é Você.

GLOSSÁRIO

NOTÍCIAS CURTAS

Cobertura morta - Camada natural de resíduos de plantas espalhadas sobre a superfície do solo, para reter a umidade, protegê-lo da insolação e do impacto das chuvas.

COMUNICAÇÃO SOCIAL - Durante os mais de três anos de ações , o Programa de Comunicação Social do empreendimento comemora as 203 inserções gratuitas na mídia; Site: 187 mil acessos Início: novembro/2011; acesso médio diário: 174. O programa estabelece canal direto e sistemático entre o empreendedor e as comunidades beneficiadas pela obra, por meio da criação e distribuição de material impresso, realização de palestras e a participação em eventos e veículos de comunicação.

Etologia - Ciência que estuda o comportamento dos seres vivos, visando estabelecer os efeitos e as causas, assim como os mecanismos responsáveis por diferentes formas de conduta. Eutrofização - Fenômeno pelo qual a água é acrescida, principalmente, por compostos nitrogenados e fosforados. Ocorre pelo depósito de fertilizantes utilizados na agricultura ou de lixo e esgotos domésticos, além de resíduos industriais como o vinhoto, oriundo da indústria açucareira, na água. Isso promove o desenvolvimento de uma superpopulação de microorganismos decompositores, que consomem o oxigênio, acarretando a morte das espécies aeróbicas, por asfixia. A água passa a ter presença predominante de seres anaeróbicos que produzem o ácido sufídrico. Smog – Nevoeiro composto por substâncias poluentes, muito comuns em centros urbanos e industriais. Este nome foi dado devido à junção dos termos: “smoke” (fumaça) + “fog” (névoa).

Boletim dezembro 2013

REPOSIÇÃO FLORESTAL - O número total de mudas para Reposição Florestal e Plantio Compensatório contabilizando os números apresentados na LI nº 634/2013-DL, é de 76.012. Os plantios tiveram início em 2013 e serão monitorados por 48 meses. CONTROLE DE PROCESSOS EROSIVOS - O programa direciona, orienta e especifica os estudos e ações, preventivas e/ou corretivas, necessárias quando constatados indícios de processos erosivos ou instabilidades geotécnicas no trecho da rodovia promoveu 10 campanhas de monitoramento em mais de 31 pontos ao longo do trecho da rodovia e entorno. Leia mais em www.rodoviadoparque.com.br

7


BOLETIM 41 dezembro 2013

Exposições itinerantes percorrem oito cidades em três estados

“Que árvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”

Com a visão de que a responsabilidade do cidadão vai além das atribuições técnicas, o DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, em parceria com a STE – Serviços Técnicos de Engenharia S.A., por meio da Gestão Ambiental da BR-448 criou a Exposição, “Que arvore você quer para o futuro? Não Faça do Lixo a Semente”. A Mostra leva, de forma itinerante para a sociedade, a discussão sobre o acúmulo de lixo às margens das rodovias. Abordando de forma original e inédita um tema complexo, propõe, de forma lúdica, a reflexão sobre o descarte inadequado dos resíduos sólidos.

Endereçar

A exposição fotográfica leva o expectador ao universo vivido pelas famílias da Vila do Dique, em Canoas RS, no processo de reassentamento, destacando as dificuldades do ambiente vivenciadas por décadas, com água obtida por meio de caminhão pipa e luz de ligações clandestinas, sem saneamento, passando pelo processo provisório assistido de moradia no condomínio da Vila de Passagem, onde passam a acessar os direitos básicos de todo cidadão e a possibilidade do endereço, antes inexistente por residir em área irregular e de risco, e finalizando na conquista de um lar e de um endereço.

Boletim 41 BR-448 dezembro 2013  

Boletim da Gestão Ambiental 41 BR-448/Rodovia do Parque dezembro de 2013

Advertisement