Page 1

Gestão Ambiental monitora poluição sonora

Página 4

Página xx

BOLETIM 37 agosto 2013

Primeira moradora da Vila de Passagem recebe chaves da casa definitiva

Dia Interamericano de Qualidade do Ar Em agosto, 32 países da América Latina e Caribe comemoram as ações de Gestão da Qualidade do Ar. Confira o que acontece na BR-448 Página 6

Educação Ambiental Cineminha promovido pela Gestão envolve mais de 700 crianças na temática ambiental Página 3

Na continuidade do trabalho de reassentamento da BR-448 novas famílias recebem moradias e realizam o sonho da casa própria Página 5

Comunidade Gestão participa de evento para trabalhadores da construção civil Página 3


GER -

EDITORIAL

SOBRE

Sociedade de consumo x pobreza extrema

Em debate para discutir o legado e as consequências do evento da Rio+20 para o planeta, realizado há mais de 1 ano, a Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira reuniu-se, no mês de agosto, no Rio de Janeiro, com autoridades da área ambiental para discutir a importância do encontro internacional. Na ocasião, foram destaque as cinco linhas de ação que deverão compor o documento Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) que passarão a valer a partir de 2015, em substituição aos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM) da Organização das Nações Unidas (ONU). Na oportunidade, a Ministra ressaltou que o momento é propício para os países desenvolvidos discutirem um modelo efetivo de desenvolvimento sustentável para os próximos 10 ou 15 anos, e que instituições públicas e privadas devem se unir e fazer escolhas para o futuro da sociedade. Durante a exposição, Izabella enfatizou que é insuficiente avançar no debate de um modelo de desenvolvimento centrado no homem, sem que a pesquisa voltada para a área da saúde esteja em pauta. Prosseguindo no discurso citou que é preciso aprender a lidar com as vulnerabilidades existentes em nosso país e que questões como inclusão social, erradicação da pobreza e promoção de uma economia verde estão entre os aspectos contemplados pelos ODS e que devem pautar as discussões atuais. A Ministra trouxe ainda estudo da ONU, segundo o qual, até 2030, o mundo será predominantemente oriental e os três países mais populosos serão a Índia, a China e a Nigéria.

Neste mês de agosto, o Boletim da Rodovia do Parque vem com informações e notícias relativas a campanha de ruídos e de qualidade do ar e o monitoramento da flora e as ações de ampliação do atendimento da equipe social aos diques e à Vila de Passagem. No dia 09 de agosto, o Brasil e mais de 30 países da Amércia Latina e Caribe comemoraram o Dia Interamericano de Qualidade do Ar e a equipe de comunicação social elaborou notícia especial, trazendo os procedimentos que envolvem o Programa Ambiental de Monitoramento da Qualidade do Arrealizados na BR-448. Confira estas e outras notícias. Boa leitura!

Contate-nos

EXPEDIENTE Realização: Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) Execução: STE - Serviços Técnicos de Engenharia S.A. Conselho Editorial: Carlos Türck, Chaiana Teixeira e Letícia Frantz Jornalista Responsável: Andrea Weschenfelder MTB 10594 Fotografias: Divulgação STE S.A. Projeto Gráfico: FT Design

2

educombr448@stesa.com.br

Visite nosso site rodoviadoparque.com.br

Curta nossas fanpages fb.com/gestaoambiental.rodoviadoparque fb.com/QueArvoreVoceQuerParaOFuturo fb.com/EnderecarBR448 Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


EDUCAÇÃO

Sede da associação de moradores do Dique Fátima é o local das sessões de cinema

Na Vila de Passagem a brinquedoteca abriga os pequenos

Sessões de cinema envolvem mais de 700 crianças das famílias reassentadas pela BR-448 na temática ambiental Compreensão e compromisso sobre o papel do indivíduo e o meio ambiente têm sido um dos desafios do DNIT, por meio da Gestão Ambiental, no desenvolvimento de práticas sensibilizadoras com as escolas do entorno e com a comunidade diretamente beneficiada pelas obras da Rodovia do Parque. A utilização do cinema nas atividades de educação ambiental tem potencializado os valores ambientais positivos das comunidades, em especial, a infantil da Vila de Passagem e dos Diques Fátima e Canil com relação ao meio. As sessões do Cineminha Ambiental iniciaram atendendo primeiramente as crianças da Vila de Passagem e no mês de maio foram ampliadas à comunidade infantil dos Diques Fátima e Canil, conforme explicam as Técnicas Ambientais, Aline Farias e Tais da Rosa responsáveis por executar a atividade. “Em mais de dois meses, a participação dos pequenos vem aumentando gradativamente e de forma positiva, tínhamos receio de que o projeto não desse certo, pois os pequenos não estão habituados a assistir filmes de longa duração, com temática específica, por isso, tivemos todo um cuidado na

escolha das histórias para que despertassem realmente o interesse deles e a mensagem fosse facilmente absorvida e entendida para que pudessem levá-las para a vivência em família e na própria comunidade”, contam. Conforme o Coordenador do Programa de Educação Ambiental do empreendimento, Engenheiro Carlos Türck, “ao assistirem os filmes com temáticas ambientais lúdicas, trazendo protagonistas representados por personagens animais em situações diversas, seguido de conversas sobre a percepção do grupo, a proposta permite que se conheça a realidade de tais comunidades e intensifique, se necessário, ações no sentido de promover a consciência ambiental dos pequenos, que são multiplicadores”, observa. Desde o inicio das sessões de Cineminha Ambiental nos diques e na Vila de Passagem – dezembro/2011, a equipe contabiliza a participação de 714 crianças em 25 sessões. Sendo destas, 21 realizadas somente com as crianças da Vila de Passagem e 4 com as comunidades do Dique.

DNIT participa de evento nacional para mais de 5 mil trabalhadores da construção civil Em evento do Dia Nacional da Construção Social. realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), com o apoio do Sistema Fiergs/Ciergs, através do SESI/RS, dos sindicatos dos trabalhadores do setor no Estado e prefeituras, o DNIT, por meio da Gestão Ambiental da BR-448 (STE S.A.) levou para os mais de 5 mil participantes no dia 17/08, no SESI do bairro Rubem Berta, em Porto Alegre. as ações da Gestão disponibilizadas em estande e pela Mostra “Que árvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”, e a mascote João-de-barro.

Boletim agosto 2013

3


RUÍDOS Campanhas de monitoramento da poluição sonora na BR-448 revelam niveis satisfatórios

Gestão ambiental monitora atividades com potencial geração de poluição sonora

As atividades de construção são potencialmente poluidoras (compressores, marteletes, britadores, operação de veículos e equipamentos de construção, detonação de material entre outros) na BR-448, o DNIT, com a Gestão Ambiental desenvolve ações de monitoramento das medidas de controle adotadas. Entre os procedimentos estão medições sistemáticas dos níveis de ruídos e vibrações das atividades potencialmente geradoras de poluição sonora. Conforme a equipe de Supervisão Ambiental, os critérios de monitoramento são os adotados pela Resolução do Conselho Nacional de Meio Ambiente - CONAMA 01/90, e os lotes implementam um sistema de autocontrole. “Para monitorar se as medidas de controle estão sendo adotadas de forma adequada e se são suficientes para a minimização dos possíveis impactos gerados à qualidade do ar pelas atividades de construção, são desenvolvidas campanhas semestrais como parte desse autocontrole”, explica a Técnica Ambiental da Gestão, Andressa Facin. Os procedimentos incluem a avaliação dos ruídos em áreas habitadas, visando o conforto da comunidade, as medições devem ocorrer sem interferência audíveis de fenômenos da natureza (trovões e chuvas fortes), o tempo deve permitir a caracterização do ruído e envolver uma sequencia ou única mostra e na ocorrência de reclamações as medições devem ser feitas nas condições e locais indicados pelo reclamante.

Com o objetivo de formular a exigência do controle, subsidiar a elaboração de estratégias de controle e verificar o atendimento aos padrões de emissão de ruídos e vibrações, o Programa Ambiental de Monitoramento e Controle de Ruídos atende os colaboradores e comunidades do entorno. E as medidas preventivas são o monitoramento da exposição ao ruído, controles administrativos e de engenharia (na fonte), até a realização de exames audiométricos periódicos, uso de equipamento de proteção individual (EPI), educação e treinamento. Para o consultor Albert Wenzel, responsável pela realização das campanhas a importância do controle está na saúde e incômodos que podem gerar aos colaboradores e comunidades “as campanhas apresentam importância sob o aspecto de saúde ocupacional, pois os trabalhadores da obra podem estar expostos a situações de níveis de ruído alto. Em relação à comunidade, os incômodos podem ser gerados caso não sejam utilizadas medidas para prevenir e reduzir a emissão de ruídos em níveis que causem desconforto”. Na BR-448, foram realizadas até o momento, oito campanhas e os resultados obtidos indicam que a execução da obra ocorreu em nível satisfatório.

O método de avaliação utilizado na Rodovia do Parque baseia-se na comparação entre o nível de pressão sonora corrigido e o nível de critério de avaliação.

4

Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


GERAL Famílias reassentadas terão acesso ao Programa Minha Casa Melhor

Dona Marilda agradeceu a oportunidade

A família De Carli na moradia defini tiva

No dia 02/08, autoridades municipais e representantes de empresas construtoras, da Caixa Econômica Federal e da Gestão Ambiental participaram da cerimônia de inauguração do Loteamento Canoas Minha Terra I. O condomínio conta com 162 unidades habitacionais de 43 m², contendo sala, cozinha, dois dormitórios e um banheiro, construídas com a tecnologia de concreto de PVC e com painéis de aquecimento solar. Na oportunidade, foi entregue a chave à primeira moradora a sair do Dique e a ocupar a Vila de passagem, Marilda de Carli, conhecida como Dona Nenê, que representou as outras 34 famílias a ocupar as casas da quadra F do loteamento.

referência. A expectativa é a melhor possível com a casa própria”, afirma.

Durante o ato, o representante da Caixa Federal, Jairo Manfro, anunciou a adesão das famílias ao Programa Minha Casa Melhor - que permite que aqueles que conquistaram a casa própria pelo Programa Minha Casa Minha Vida possam adquirir móveis e eletrodomésticos com até R$ 5 mil reais de crédito, que poderão ser pagos em até 48 vezes.

Acompanhada da filha Tainara, 16, e da neta Emily, 6, Marilda entrou no imóvel com o pé direito e já pensando em deixar o ambiente com a cara da família. “A gente vai ajeitando, dando nosso toque”, planejava. “Isso é um sonho”, dizia a pequena Emily, que estava ansiosa para arrumar os brinquedos no quarto novo. Desde que chegou à Vila de Passagem, em 27 de outubro de 2011, Nenê destacou-se como uma liderança na comunidade. Hoje ela vivencia com satisfação o cumprimento das promessas feitas pelas autoridades. “Existia uma insegurança no início, pois estávamos indo para um lugar estranho. Depois acostumou e foi melhorando, até porque o pessoal do DNIT ajudou desde o começo”, enfatiza. Para os que estão por chegar à moradia temporária, ela deixa o recado: “é ótimo sair do Dique. Na Vila de Passagem tem água, luz decente, e é um local provisório diante de uma melhoria definitiva”.

Loteamento Canoas Minha Terra I recebe os primeiros moradores A casa de número 07 na Rua A da Vila de Passagem, em Canoas, ficará na lembrança de Marilda como um divisor de águas na sua vida. Em 2011 a família da artesã, foi a primeira a ser removida da Vila do Dique, bairro Fátima, para viabilizar a construção da Rodovia do Parque. No dia, 31/07, o ciclo se completou quando ela recebeu as chaves da moradia definitiva localizada no Loteamento Canoas Minha Terra I. “A ficha não caiu ainda, estou muito feliz”, resumiu Marilda, enquanto ajudava a carregar o caminhão de mudanças. Depois de sete anos no Dique e mais de um ano na Vila de Passagem, são muitos os planos para o futuro no novo endereço. “Agora vou ter minha

Boletim agosto 2013

Gerente da Caixa Federal de Canoas, Jairo Manfro anunciou sobre o acesso ao Programa para as famílias presentes ao evento

5


GERAL DNIT celebra Dia Interamericano de Qualidade do Ar com ações na BR-448 ecossistemas. Com o objetivo de conscientizar os 32 países da América Latina e Caribe a respeito da contaminação atmosférica e de seus efeitos na saúde pública, a Associação Interamericana de Engenharia Sanitária e Ambiental (AIDIS) criou o Dia Interamericano de Qualidade do Ar, celebrado anualmente na segunda sexta-feira do mês de agosto, neste ano, dia 09. O DNIT, por meio da Gestão Ambiental cumpre com ações de gestão da qualidade do ar na região onde está sendo construída a BR-448.

Na BR-448 a movimentação de caminhões e máquinas são monitoradas pela equipe de Gestão

O desenvolvimento industrial e urbano aliado aos atuais padrões de consumo, desmatamento e queimadas geram como consequência o aumento da emissão de poluentes no ar e os efeitos danosos à saúde e desequilíbrio dos

A obra promove intenso uso de veículos automotores e máquinas de combustão interna durante a construção que podem emitir concentrações de poluentes do ar acima de níveis aceitáveis, assim, possui um programa específico de monitoramento e controle da poluição atmosférica nas frentes de terraplenagem; pavimentação e caminhos de serviço, com campanhas mensais de aferição visual, registro fotográfico e utilização da escala Ringelmann (escala gráfica para avaliação calorimétrica de densidade de fumaça).

GestãoAmbientalencerraSIPATdolote2comaparticipaçãode130colaboradores Maranhão e Piauí, como o jovem que, há sete meses, atua como servente no lote e já conquistou a Presidência da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) Jerfeson Tiago dos Santos Silva, de 19 anos, natural de Cruzeta/ RN. Ele diz ser um admirador do trabalho da Gestão, em especial da iniciativa de educomunicação representada pela exposição “Que árvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”, que pôde conhecer na Rodoviária de Porto Alegre, enquanto aguardava a chegada de um amigo.

Mais de 100 colaboradores participaram da apresentação da Gestão

Encerrando as ações da Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT) do lote 2 (Consórcio Construcap, Ferreira Guedes), da BR-448, na manhã de 02/08, o DNIT com a Gestão Ambiental realizou palestra para 130 colaboradores. A programação que envolveu a saúde do trabalhador iniciou no dia 29/07, e contou com temas sobre alcoolismo, cuidados familiares, doenças sexualmente transmissíveis (DST‘s) e nutrição. Para concluir o evento, a equipe de Gestão foi convidada a participar, onde apresentou o trabalho de evolução dos Programas Ambientais e a valorização dos colaboradores dos lotes nos cuidados com o meio.

“Havia muita gente tirando foto, crianças e famílias que acabei indo ver o que acontecia naquele espaço. Era a exposição. Tirei fotos e olhei com atenção a boneca e os pneus. Muito interessante”, observa. A Assistente Social do consórcio, Claudete Bosamielczarski, presente ao evento, também visitou a mostra que esteve na Estação Mercado da Trensurb, na capital. “Achei ótima a exposição, pois faz com que as pessoas se perguntem sobre o destino do lixo. Ótima idéia de fazer o mínimo para atingir o máximo”, destaca.

Jerfeson é o representante da CIPA do lote e teve a oportunidade de conhecer a mostra socioambiental da BR-448 na estação rodoviária da capital

Em fase final de pavimentação, o lote 2 compreende mais de 9 quilômetros e conta atualmente com 240 trabalhadores, a grande maioria oriunda do Rio Grande do Norte,

6

Um Novo Caminho. Uma Nova Vida


O FOTÓGRAFO É VOCÊ

Durante o trabalho de coleta de água para Programa de Monitoramento da Qualidade , a Jornalista Andrea Weschenfelder captou o momento exato do pouso de uma libélula em vegetação no lote 2 da BR-448

Envie sua foto para o e-mail educombr448@stesa.com.br e participe da coluna O Fotógrafo é Você.

GLOSSÁRIO

NOTÍCIAS CURTAS

Percolação: Movimento de penetração de água no solo e subsolo. Este movimento é geralmente lento e dá origem ao lençol freático.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL - Com a ampliação do

Placas Tectônicas: São placas rígidas que formam a litosfera, possuindo espessuras que variam de 100 km a 200 km, e que se movem em várias direções com velocidades variáveis, podendo se chocar umas com as outras. Plano de Manejo: Plano de uso racional do meio ambiente, visando à preservação do ecossistema em associações com sua utilização para outros fins. Protocolo de Kioto: Documento negociado e firmando em 1997, pelo qual os países desenvolvidos se comprometem a reduzir em 5,2% entre 2008 e 2012, suas emissões de gases contribuintes para o efeito estufa, referentes a níveis de emissão de 1990. Voçoroca: Escavação ou rasgão no solo ou de rocha decomposta, ocasionada pela erosão do lençol de escoamento superficial, podem ser formada também pelo escoamento subsuperficial.

Boletim agosto 2013

atendimento de educação ambiental às famílias da Vila do Dique de Canoas, beneficiadas pelo DNIT, através do Programa de Reassentamento Populacional da BR-448, a Gestão Ambiental também preparou reforços para as ações ambientais pedagógicas, como a Hora do Conto. A fim de explorar a contação de histórias e estimular a leitura, a imaginação, a atenção e a memória das crianças, a equipe de Educação Ambiental produziu em EVA (material emborrachado) diversas figuras e personagens dos clássicos da literatura infantil, adaptando os mesmos para uma versão ecológica. Além disso foram incluídos animais da fauna e exemplares da flora frequentes na região da rodovia para aproximar os pequenos do seu ambiente e desenvolver novas contações. OFICINA - No dia 27/08, duas turmas do 3º e 5º

ano da Escola de Ensino Fundamental Afonso Guerreiro Lima, de Sapucaia do Sul, coordenadas pela Gestão Ambiental realizaram oficina de confecção de brinquedos pedagógicos recicláveis. Leia mais em ww.rodoviadoparque.com.br

7


BOLETIM 37 agosto 2013

Exposições da BR-448 envolvem alunos e promovem discussões socioambientais

O pequeno Éber, de 8 anos buscou na “árvore de brinquedos” elementos que estão na mostra fotográfica das árvores

Compondo locais de grande circulação pública há dois anos, a Exposição “Que árvore voce quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”, esteve de 05 a 09/08, na Escola Municipal Hugo Gerdau, de Sapucaia do Sul. “Tinha visto a exposição no aeroporto e como temos encontros com os técnicos de meio ambiente da rodovia devido a proximidade com a obra, conversei com a equipe sobre a possibilidade de trazer a mostra para a escola”, conta Emanuela de Oliveira Cardoso, Supervisora das Séries Finais da Escola. Com 1.100 alunos, o educandário compreende a rede de escolas do entorno do empreendimento atendidas pela Gestão Ambiental. Durante o recreio, crianças e adolescentes se revezam na visitação e exploram as curiosidades trazidas nas “árvores de lixo”, como Éber Apolinário Virgil, de 8 anos, “sempre na rua vejo coisas atiradas e penso que as pessoas não precisam jogar estas coisas na rua, pois existem lixeiras”, lembra. Com a curiosidade aguçada, Éber se pega as peculiaridades da árvore de brinquedos e encontra objetos que

Vânia posa ao lado do painel de apresentação da “Endereçar”

ilustram as fotografias e compõem a escultura, como o caso de um ursinho de pelúcia. Enquanto isso, a Mostra “Endereçar”, em exposição de 01 a 14/08, no centro Administrativo Fernando Ferrari, tem sido motivo para debate entre os servidores do local. Com o objetivo de representar o processo de conquista da melhora da qualidade de vida das famílias da Vila do Dique de Canoas beneficiadas pelo processo de Reassentamento da BR-448, as imagens despertaram diferentes pontos de vista nos visitantes, usuários e colaboradores como o da vigilante, Vânia Rosa da Cruz, 33 anos, mãe de dois meninos, “A primeira reação foi de impacto pelas condições das pessoas na primeira fase. Depois fui olhando e entendendo o progresso deles. A evolução das famílias se deu da água para o vinho, nem parece que são os mesmos”, analisa. Mãe de dois filhos, Vânia completa: “Gostaria de trazer meus filhos para conhecer esta realidade, já que reclamam da vida”.

Confira a agenda dos próximos locais para visitação: “Que árvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente” 02 a 06/09- Media Carrier - Rua Berto Círio, 521 - Bairro São Luis - Canoas 19/09 a 02/10 - Salão de Atos do UNILASALLE - Avenida Vitor Barreto, 2288 - Canoas

“Endereçar” 02 a 15/09 - Praça de Eventos Alziro Andrade - Canoas Shopping - Avenida Guilherme Shell, 6750

Boletim 37 BR-448 agosto 2013  

Boletim da Gestão Ambiental 36 BR-448/Rodovia do Parque agosto de 2013

Advertisement