Solarize BSP 2017 - Comissionamento de sistemas fotovoltaicos

Page 1

COMISSIONAMENTO CONFORME NORMA NBR 16274 Minicurso durante a Brasil Solar Power 2017 Hans Rauschmayer © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


A Solarize

• Energia Solar e Sustentabilidade – – – –

Energia Fotovoltaica Energia Eólica Aquecimento Solar Integração com arquitetura

• Capacitação, Consultoria e Projetos • Alto Reconhecimento – Convites para congressos e seminários – Referência para TV, rádio e jornais

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

2


Plano de Capacitação Solarize

Referência e inovação desde 2008 • Nosso produto é o conhecimento • Não fazemos revenda nem representação • Conteúdo focado na aplicação prática • Cursos completos com preços justos • Descontos para estudantes • Rio de Janeiro, São Paulo, Sorocaba, Brasília, Recife, ... © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

3

Novo Curso Aerogeradores de pequeno porte


Comissionamento Qual é o interesse de cada parte? Parte

Interesse

Faz o quê

Concessionária

• Evitar riscos para a rede

• Teste de ilhamento • Inspeção do inversor • Inspeção do padrão de conexão

Instaladora

• Precaver reclamações indevidas • Atender à norma obrigatória

Conforme NBR 16274:2014 • Documentar • Inspecionar • Testar

Cliente

• Receber uma planta de • Exigir documentação conforme norma qualidade capaz de gerar • Contratar especialista para revisar a energia prometida documentação • Contratar perito para executar comissionamento independente • Repetir comissionamento próximo ao fim do prazo de garantia

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

4


Como Medir um Sistema que Depende de uma Fonte Incontrolável?

• A radiação solar oscila ao longo do dia e varia de um dia para o outro • Por isso é impossível afirmar se um sistema solar funciona bem, medindo simplesmente grandezas elétricas como corrente, tensão ou geração de energia • Como medir então? • Medir simultaneamente grandezas com influência direta – Irradiância e corrente – Temperatura do módulo e tensão – ... em condições estáveis (céu limpo, irradiância acima de 700 W/m²)

• Verificar as medições, com cálculo a partir da ficha técnica

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

5


O que medir?

Opção 1: • Corrente curto-circuito + irradiância • Tensão circuito aberto + temperatura do módulo Opção 2: • Corrente MPP + irradiância • Tensão circuito aberto + temperatura do módulo • Menos preciso porque sofre influência do resto do sistema (inversor, outros strings)

• As medições devem ser executadas para cada string separadamente!

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

6


Medição eficiente com Equipamento Especial

7

USB

• Relatório de comissionamento e inspeção padronizado

Multímetro especial Solarímetro + termômetro • colocado no mesmo plano dos módulos • Irradiância • Tamb e Tmod • Data logging • Inclinação • Orientação • EUR ~300 / R$ 3.500 – 4.500

• • • • • •

Tensão Corrente Ciclo automático Resistência de Isolamento Gravação Data logging

• EUR ~1000 / R$ 10.000

Video: www.seawardsolar.com/pv150-instruction © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Com Equipamento mais Simples

Solarímetro / Termômetro

8

Caixa de curto circuito com alicate amperímetro

+ Disjuntor ou seccionadora c.c.

• Leitura manual • Condições estáveis são extremamente importantes Conectores MC 4

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Ensaio da Resistência de Isolamento • O que medir? – Entre negativo e terra + entre positivo e terra – Ou: entre circuito em curta e terra – Aplicando uma tensão definida conforme tensão do circuito

Tensão do sistema (VOC STC x 1,25)

Tensão do ensaio

Resistência de isolamento mínimo

< 120 V

250 V

0,5 MΩ

120 – 500 V

500 V

1 MΩ

> 500 V

1000 V

1 MΩ

– Na medição com 1000 V é importante desconectar o DPS para não ter interferência

• Como medir? – Multímetro especial – Ou Megômetro

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

9


Verificar medição de um string Dados da ficha técnica

Medição

Resultado

A planilha faz parte do material dos cursos para sistemas conectados à rede. Está disponível em http://solarize.com.br/downloads/Solarize_Comissionamento_2017-07.xlsx © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

10


Comparação entre strings uniformes Variação aceita: 5% Referência da medição

Medição

Resultado

11

Alerta

A planilha faz parte do material dos cursos para sistemas conectados à rede. Está disponível em http://solarize.com.br/downloads/Solarize_Comissionamento_2017-07.xlsx © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Outros Ensaios previstos pela norma NBR 16274:2014

12

• Categoria 1: ensaios básicos – – – – –

Ensaios dos circuitos conforme IEC 60364-6 Continuidade da ligação à terra/equipotencial Polaridade dos cabos c.c. (antes de conectá-los!) Polaridade dos strings nas caixas de junção Ensaios funcionais • Dispositivos de seccionamento • Funcionamento dos inversores

• Importante: seguir a sequência definida pela norma! www.seawardsolar.com

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Verificação – Ensaios de Comissionamento NBR 16274:2014

• Categoria 2: sistemas maiores ou mais complexos – Ensaios da curva característica IV

ht-instruments Solar I-V

Seaward Solar PV200 Visualização da curva I-V no smartfone ou tablet © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

13


Verificação – Ensaios de Comissionamento NBR 16274:2014

14

• Categoria 2: sistemas maiores ou mais complexos – Inspeção com câmera infravermelha (IR)

Plugue defeituoso

Módulo defeituoso

RS Mietservice

String defeituoso ou não conectado

TLC Elektronik

Airscan Europe

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Norma ABNT 16274:2014 Comissionamento e Verificação

• Partes obrigatórias – Documentação do sistema • • • • •

Informação básica (potência, fabricantes, modelos, empresas envolvidas) Diagramas (arranjos, séries fv, detalhes elétricos, aterramento, sistema c.a.) Folhas de dados técnicos Projeto mecânico Informações sobre operação e manutenção

– Verificação • Inspeção • Ensaios de comissionamento • Modelo de relatório

• Partes opcionais – Ensaios adicionais de funcionamento e avaliação de desempenho

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br

15


Modelos de Relatórios NBR 16274:2014

16

 Em formato Word no material do curso

© Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br


Obrigado pela atenção! Contato • contato@solarize.com.br • www.solarize.com.br • facebook solarizerio • Newsletter no site

17

Curso NOVO - Projeto e instalação de aerogeradores de pequeno porte

Cidade

Data

Rio de Janeiro

19 a 21/07

Sistemas fotovoltaicos conectados à rede + visita técnica

Recife

25 a 27/08

Rio de Janeiro

31/07 a 02/08

Sistemas híbridos e com baterias

Rio de Janeiro

03 e 04/08

Brasilia

10 a 12/07

Rio de Janeiro

28 a 30/08

Recife

05 a 07/10

Rio de Janeiro

31/08

Recife

04 a 06/09

Rio de Janeiro

18 a 20/09

São Paulo

26 a 28/10

PVSYST - Software de simulação de sistemas fotovoltaicos

São Paulo

16 a 18/08

Instalação de sistemas fotovoltaicos

Votorantin - SP

10 a 12/07

Usinas fotovoltaicas de minigeração e grande porte Proteção contra raios e surtos em sistemas eólicos e fotovoltaicos PV*SOL© -

Software de simulação de sistemas fotovoltaicos

... confira a programação completa no site © Solarize Serviços em Tecnologia Ambiental Ltda – www.solarize.com.br