Issuu on Google+

, Joel de Sousa e

INDEPENDÊNCIA

Destaque

Principal

“Carnaval... futebol... não mata, não engorda e não faz mal”

Apresentações de TCC´s são destaques da semana

Aliando bom humor e inteligência, ele se destaca cada vez mais em suas pesquisas. Apaixonado pelo Botafogo e estudioso ferrenho de festas populares, Milton Moura é professor adjunto da Universidade Federal da Bahia e coordena o grupo de pesquisa “O Som do Lugar e o Mundo” que, há cerca de dez meses, mantém convênio com a Faculdade 2 de Julho e dispõe de uma sala na instituição. Na quintafeira, 28 de fevereiro, Milton participou pela terceira vez do seminário “Olhares sobre o Carnaval”, promovido pela Assessoria de Comunicação. Com a tranqüilidade e o gracejo que lhe é característico, neste ano, o professor Milton Moura foi o mediador da mesa que tratou de diversos aspectos do Carnaval em Salvador e que contou com a presença de Osmar Martins (Marrom), da Rede Bahia, e Cristóvão Rodrigues, da Itaparica FM, todos profundos conhecedores da folia baiana. “É fundamental estabelecer este debate sobre a festa momesca. Discutir o Carnaval é falar também sobre diversos aspectos de nossa estruturação social”, comenta. No grupo de pesquisa pertencente à UFBA, o professor mantém uma visão interdisciplinar com uma perspectiva interinstitucional. Para Milton, a atuação de “O Som do Lugar e o Mundo” pode permitir uma forma de conexão sobre assuntos comuns ao grupo e a TCC's de estudantes da 2 de Julho com a temática voltada para as pesquisa realizadas, como já vem ocorrendo nos últimos semestres. A fama de “um dos mais importantes especialistas em Carnaval e festas populares” que ostenta não é à toa. Milton Moura possui um extenso currículo que contempla estudos sobre Filosofia, Ciências Sociais, Comunicação, História e Cultura.

As apresentações dos Trabalhos de Conclusões de Curso (TCC) dos estudantes do 8º semestre de Jornalismo começaram na segunda-feira, 25, e continuam sendo expostos de 3 a 6 de março, sempre com a preocupação em fazer uma avaliação criteriosa e madura do material apresentado pelos discentes. Confira a relação das defesas no site, no link Bancas de TCC.

(Jaiane Lima / Ascom)

(Milmara Nogueira / Ascom)

Dias das bancas 3 de março OYÁ, MULHERES GUERREIRAS SÃO DE IANSÃ, de David Lobo, Mini-auditório, 19h 4 de março O RETRATO DA VIOLÊNCIA: MULHERES E DORES, de Anne Daisy Lopes de Souza, 4 de março 4 de março 5 de março 5 de março 5 de março 6 de março 6 de março

6 de março

Bruna Manuele Pereira da Silva, Laíse Alexandrino Conceição, Sala IG-3, 15h COLÉGIO CENTRAL: DO APOGEU A DECADÊNCIA, Fabiana Fernandes Pacheco, Sala IG-3, 19h RÁDIO SOCIEDADE DE FEIRA DE SANTANA A PRIMEIRA AM DIGITAL DO SERTÃO, Itamar Ribeiro de Souza, Mini-auditório, 16h LEITURAS DO FEMININO NA LITERATURA DE MASSA, Tatiana Mary, Sala IG-3, 16h A CONTRIBUIÇÃO DO JORNALISMO INVESTIGATIVO DA REVISTA VEJA PARA O IMPEACHMENT DE COLLOR, Niege Siqueira das Neves, Sala IG-3, 19h MÍDIA PROFANA: A REPRESENTAÇÃO DAS RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS NO JORNAL A TARDE, Tiago Queiroz, Mini-auditório, 19h ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE ATITUDES HOMOFÓBICAS NA SOCIEDADE, Denise Santana e Jacymara Coelho, sala IG-3, 15h A MESMICE DA PORTA DE ENTRADA DO SERTÃO PERNAMBUCANO: ANÁLISE DAS RESENHAS SOBRE O 3º CD DO CORDEL DO FOGO ENCANTADO, Nerivaldo Carlos e Martins Góes, Sala IG-3,19h MESTRE VITORINO: UMA VIDA DE AMOR À CERÂMICA, Bianca Pinto, Thalita Nascimento, Vanessa Reis, Mini-auditório, 19h


Mural 071