Page 1

TÍPICA Ano III • Edição 14 • Dezembro de 2010 Sumaré | Hortolândia | Nova Odessa www.revistatipica.com.br

Delivery de Pizzas Faça um evento agradável e diferente dentro de sua

própria casa

Dormir Bem Veja como é possível ter uma noite de sono

ainda melhor

Personal Trainer

As novas tendências do próximo verão

PEDRO JANOT,

presidente da Azul Linhas Aéreas A vida e a carreira de quem aprendeu a crescer todos os dias


EDITORIAL EXPEDIENTE

D

ezembro é um dos meses mais esperados, talvez pelos presentes de Natal, ou pelo fato de estar próximo do novo ano ou por finalizar as aulas ou ainda por ser um mês de férias após um longo período de trabalho. Independente do que você espera ou sinta, o importante é que Dezembro é um excelente período na reflexão profunda do que fizemos e não fizemos, do que esperamos fazer e não fazer novamente de errado no ano vindouro e ainda porque não refletir sobre o real significado do Natal? Pensem nisso! Planejem para 2011 ao menos fazer o que gostaria que fizessem para você e se não conseguir, existe outra saída, não fazer aos outros o que não gostaria que fizessem para você. Esta é a nossa última reflexão do ano e nesta edição preparamos algumas matérias bem legais para você curtir a 14ª edição da Revista Típica. Em Personalidades, vamos contar a história da Família Yanssen, cujo relato se confunde com o crescimento de Sumaré. E por falar em Sumaré, a inauguração do Cartório Postal na cidade ajudará na solução de alguns problemas que antes só eram possíveis de resolver no próprio cartório. Veja os detalhes na seção Cidades. Você dorme bem? Se a resposta for negativa, leia na matéria de Comportamento algumas dicas para melhorar seu sono a partir da escolha de um colchão e travesseiro apropriados ao próprio tipo físico. Em se tratando de Saúde, alguns benefícios têm trazido bem estar e qualidade de vida aos pacientes que necessitam da fisioterapia ortopédica. A evolução dos aparelhos e a mudança de opinião têm melhorado a relação médico paciente. Na seção Em Alta novo sistema econômico e ecológico têm transformado os projetos na Construção Civil e como Capa dessa edição, trouxemos até você a vida pessoal e a carreira de Pedro Janot, um dos empresários mais bem sucedidos do Brasil, que atua hoje como, nada mais nada menos, que o presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras. Em Eventos, dois Bailes do Hawai agitaram a região, um no Clube Recreativo e outro no Parque Aquático Paraiso das Águas. Confiram detalhes e fotos nas próximas páginas. O verão está chegando e com ele as praias, os biquinis, sungas, calor e diversão. E se você está interessado em ficar com aquele corpo bonito e sarado, a dica é optar por um Personal Trainer. Leia mais na seção Movimento. E por fim, Dezembro é sinônimo de festa, comida, alegria e confraternização entre amigos. Se você está pensando em algo diferente para o seu evento, a hora é agora. A novidade é Delivery de pizzas, lanches, drinques e outros. Acompanhe os pormenores na seção Gastronomia e faça um evento diferente. Você escolhe a data, o local e o horário. O resto é por conta da empresa especializadas no Delivery. Agora é com vocês. Um abençoado Natal e um Ano Novo repleto de realizações de sonhos! Até 2011.

A revista Típica é uma publicação bimestral da Editora Seta Regional. Circula nas cidades de Sumaré, Hortolândia e Nova Odessa no estado de São Paulo, com tiragem de 15 mil exemplares. Mais informações sobre a publicação podem ser encontradas no site www.revistatipica.com.br. Edição, Administração e Publicidade: Editora Seta Regional Ltda. Rua Antonio Pereira de Camargo, 421 - Sala 03, Centro - Sumaré-SP - Cep: 13170-200 Telefone: (19) 3873.1745 setaregional@setaregional.com.br Site: www.setaregional.com.br

Diretora Executiva: Andressa Pirschner Assunção andressa@setaregional.com.br Diretor Executivo e Comercial: Leandro Perez Ribeiro leandro@setaregional.com.br Editora Chefe: Andréia Dorta, MTb: 52.196 andreia@setaregional.com.br Jornalistas Assistentes: Cleyton A. Jacintho, MTb: 51.959 cleyton@setaregional.com.br Marcelo Pendezza, MTb: 37.209 marcelo@setaregional.com.br Silmara Soares, MTb: 50.003 silmara@setaregional.com.br Edição de Arte / Diagramação: Emily Andrade emily@setaregional.com.br Samira Oschin Barozzi samira@setaregional.com.br Tatiana Santos tatiana@setaregional.com.br

Repórter Fotográfico: Edson Donizete Comercial: Leandro Perez Ribeiro leandro@setaregional.com.br Cecília Souza Teixeira cecilia@setaregional.com.br Israel de Campos Affonso israel@setaregional.com.br

Administrativo/Financeiro: Andressa Pirschner Assunção andressa@setaregional.com.br Colaborador: Eduardo Castilho setaregional@setaregional.com.br Fotos Capa e Matéria de Capa: Assessoria de Imprensa Impressão: Silvamarts Composição Gráfica Ltda. Assessoria Contábil: Exato Contabilidade Importante:

As informações contidas nesta revista são para fins educacionais e informativos. A revista Típica não se responsabiliza pela utilização inadequada das informações aqui veiculadas, nem pelas opiniões de nossos colaboradores e anunciantes.

“Tudo posso naquele que me fortalece” - Filipenses 4:13 www.revistatipica.com.br

ERRATA Andréia Dorta

Editora Chefe

Andressa Pirschner Assunção

Leandro Perez Ribeiro

Diretora Executiva

Diretor Executivo

Caros leitores. Na última edição da Revista Típíca (13ª edição), na editoria Cidades, foi publicada uma matéria sobre a SOFIC. No decorrer do texto foram mencionadas apenas 08 das 14 entidades que fazem parte do colegiado da SOFIC e participam do programa Nota Fiscal Solidária. Sendo assim, a seguir apresentamos os nomes das 14 entidades devidamente reconhecidas pelo Conselho Municipal de Assistência Social: APAE; CALUZ; CCI; CER; ESCOLA DE ROTARI; IPMS; IBQ; NISFRAN; PIO XII; PESTALOZZI; SANOVA; SHD; SÃO JUDAS e VÓ CHIQUINHA.


SUMÁRIO

8 SOCIAL

Quem? Quando? Onde? Nas cidades da região.

16 EM ALTA

Um novo jeito da construção civil trabalhar em prol do meio ambiente.

18 MOVIMENTO

As novidades e tendências do Personal Trainer no próximo verão.

20 SAÚDE

Acompanhe os benefícios da fisioterapia ortopédica.

24 GASTRONOMIA

Surpreenda os convidados de seu evento com o delivery de pizzas onde e quando quiser.

26 EVENTOS

Festas do Hawai agitam Sumaré no Clube Recreativo e no Parque Aquático Paraíso das Águas.

32 COMPORTAMENTO

O bom sono também depende do colchão e do travesseiro adequado ao seu tipo físico.

46 CIDADES

Novidades e facilidades com a implantação do Cartório Postal em Sumaré.

48 PERSONALIDADES

Família Yanssen: três gerações que participaram do crescimento da cidade orquídea.

24 CAPA A vida e a carreira de Pedro Janot, presidente da Azul Linhas Aéreas.


SOCIAL Fotos por Edson Donizete CONFIRA MAIS FOTOS DO SOCIAL EM: www.revistatipica.com.br

BELÍSSIMA ENXOVAIS

Sinônimo de qualidade e bom gosto

s da Belíssima Enxovais

Pamella M. J. Lacerda e Thiago Lacerda, proprietário

Inaugurada há três meses, a Belíssima Enxovais veio com tudo para Sumaré. A loja, situada na Avenida da Amizade, nº 2910, comemora os bons resultados segundo os proprietários, o casal Thiago Lacerda (24) e Pamella M. J. Lacerda (22). “Por estarmos apenas há 03 meses aqui os resultados são razoáveis. Vai demorar um pouquinho para engrenar, mas com o tempo, a gente vai tornar a loja conhecida”. O empresário já está no ramo desde os 14 anos, tendo como referência a fábrica do pai e do tio. “Desde criança eu acompanhei essa área e gosto do que faço. Profissionalmente sinto que falta muita coisa ainda, mas a gente chega lá”, declara Thiago. E o desafio proposto pelo próprio casal vai exigir muito trabalho. Thiago e Pamela pretendem montar mais nove lojas no decorrer dos próximos cinco anos, tendo como base a loja recém inaugurada. “Aqui é a nossa loja modelo. Daqui teremos uma referência dos produtos que serão vendidos nas outras lojas”. E finalizam divulgando que a clientela opta por qualidade nos produtos.

8

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

9


GR PAISAGISMO

O melhor da natureza ainda mais perfeito Há dois anos em Sumaré, a GR Paisagismo torna ainda mais belo o que a natureza já oferece de esplendoroso. Os responsáveis por tanto bom gosto e perfeição são os proprietários Gelson Ribeiro e Nucy Maggioni, há 10 anos no mercado. “Queremos proporcionar serviços requintados, com criatividade e o lay-out que agrada ao cliente, e, claro, uma melhor qualidade de vida com foco na preservação do meio  ambiente”, relata Gelson. A empresa mantém uma clientela fiel e exigente. Um dos últimos clientes foi o SBT, por meio do quadro Construindo um Sonho. O apresentador Celso Portiolli esteve em Sumaré e Hortolândia para entregar as duas casas, agora reformadas com lindos jardins decorados pela GR. Além de Sumaré, a GR Paisagismo também atende Monte Mor, Nova Odessa Paisagismo Nucy Maggioni e Gelson Ribeiro, proprietários da GR e Hortolândia. À disposição dos clientes existem mais de 400 espécies de flores, plantas, árvores, vasos, terra e acessórios. A junção de bom gosto e preço adequado ao seu bolso pode transformar e dar mais vida a sua casa, apartamento, escritório ou jardim. Basta consultar a GR Paisagismo.

SEMPRE INFORMÁTICA

No dia 05 de novembro foi reinaugurada a loja de informática Sempre Informática, em novo endereço, Rua: Emilio Leão Brambilla, 80 - Centro – Sumaré. Com novas instalações para impressionar os clientes e impactar o tão concorrido mercado neste segmento na cidade, a direção da loja também apresenta como novidade a assistência técnica especializada no próprio estabelecimento, ofertas imbatíveis e condições especiais para pagamento.

Educação Física e Engenharia de Mecatrônica, são os Novos Cursos Superiores oferecidos pela Network

2 Faculdades Network Campus Sumaré (120 mil m )

As Faculdades Network de Sumaré e Nova Odessa comemoram em grande estilo seus 25 anos de existência autorizando recentemente no Campus Nova Odessa a Faculdade de Educação Física e de Engenharia de Mecatrônica no Campus Sumaré. O curso de Engenharia de Mecatrônica vem atender nosso pujante pólo industrial pela necessidade de profissionais altamente qualificados, voltados para a automação industrial. Já o curso de Educação Física, além da licenciatura para ministrar aulas e a importante atuação dos profissionais pela orientação adequada às praticas esportivas, reeducação motora e reabilitação, hoje, foi ampliada a área de atuação na educação corporativa, em equipes multidisciplinares, na área da saúde e no ensino personalizado.  Os presentes da Bodas de Prata das Faculdades e Colégio Network já estão portanto garantidos pela ampliação da oferta de cursos à população de Sumaré e toda RMC     Todos os cursos, inclusive Educação Infantil e Técnicos, estão com processo seletivo ou matrículas abertas para 2011 com valores promocionais por tempo limitado. Maiores informações nos Campus de Sumaré e Nova Odessa, bem como no fone 3466-2527 ou site www.network.edu.br.  


www.revistatipica.com.br •

11


MEIRE GRIFF

No último dia 27 de novembro foi reinaugurada a renomada loja Meire Griff, agora localizada na Av. Ângelo Ongaro, 469 - Parque Ongaro. Além da ótima localização, os clientes também passam a contar com uma estrutura totalmente renovada, provadores amplos e climatizados, uma decoração deslumbrante e atendimento personalizado. “Renovamos a loja nos mínimos detalhes, pensando sempre no bem estar dos clientes, até agora tem sido só elogios” declara Meire proprietária da loja.

STUDIO GLOZZ

No dia 13 de novembro o Instituto de Beleza Studio Glozz, comemorou um ano de sucesso na cidade. Completando a primeira primavera o salão já conquistou várias clientes e só ganha elogios de quem não abre mão de cuidar da beleza. Com o objetivo de inovar o conceito em beleza da cidade, o Studio Glozz deu conta do recado e é considerado referência no segmento de beleza, superando as expectativas da proprietária e agradando muito os clientes que compareceram para brindar essa data mais do que especial para toda equipe do salão.

12

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

13


BUFFET DOCE SABOR E ARTE Transformando Sonhos em Realidade

Quando o assunto é festa, uma coisa é certa: as festividades de hoje não são mais como as de antigamente. As festas se tornaram célebres eventos e as ocasiões mais esperados são os aniversários infantis, festas de 15 anos e casamentos. Sumaré nos últimos anos cresceu nesse mercado e a Doce Sabor e Arte veio para ficar. Em 2010 o buffet completa dois anos de existência na Av. Luiz Frutuoso, 451, na Vila Santana. O casal Janaina Teixeira (34) e Nelson Miguel (27) dirigem o negócio. “A gente se conheceu em São Paulo. Lá eu sempre fiz cestas de café da manhã, doces artesanais e trabalhava também com decoração”, revela Janaina. Já em Sumaré, ao lado de Nelson, t Doce Sabor e Arte adquiriram barraquinhas de cachorro Janaina Teixeira e Nelson Miguel, proprietários do Buffe quente, crepes e pizzas. Mais tarde começaram realizando festas em chácaras, salão de festas e residências. O negócio deu tão certo que resolveram fixar um local. Então começaram a realizar o próprio sonho realizando as festas de outras pessoas. Hoje o buffet realiza todos os tipos de festas, inclusive eventos empresariais. A casa conta com inúmeros brinquedos: labamba, brinquedão, tombo legal, cama elástica, máquina de dança, máquina de vídeo game, além dos variados cardápios, que vai desde os salgadinhos variados, o churrasco e as massas em geral.

LOVE BABY

AGORA TAMBÉM EM CAMPINAS! Em um ano e sete meses comemorados no mês de outubro a loja de móveis e acessórios infantis, Love Baby localizada em Sumaré, tem motivos de sobra para comemorar, com produtos de qualidade, atendimento personalizado e equipe de profissionais altamente especializados, o resultado não podia deixar de ser positivo. Pensando em ampliar esse sucesso os proprietários Paula e Alex, decidiram abrir uma segunda loja, que foi inaugurada dia 30 de outubro no centro da cidade de Campinas, as instalações são novas, mais o atendimento continua o mesmo e em apenas um mês de funcionamento já está superando as expectativas dos comerciantes.

14

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

15


EM ALTA

Construção civil com menor impacto ambiental é ecologicamente correto Silmara Soares

A

pesar da dificuldade encontrada para aliarmos a construção civil com a sustentabilidade, o consumidor está cada vez mais exigente quanto à procura de produtos ecologicamente corretos. Medidas sustentáveis na construção civil podem minimizar problemas urbanos como alagamentos, escassez de água, sobrecargas na rede de energia elétrica, entre outros benefícios. As construções sustentáveis são limpas, sem desperdício de material e com baixo impacto ambiental.

16

• www.revistatipica.com.br

De acordo com o arquiteto e proprietário da Teca Brasil de Nova Odessa, Paulo Rodrigo Dobelin, há opções hoje no mercado, menos agressivas ao meio ambiente, que vão desde a fundação ao revestimento. Alguns exemplos como fundações feitas de pedras, paredes feitas de taipa (terra com pequeno percentual de cimento), madeira de reflorestamento para cobertura, sistema de tratamento de esgoto (fossa séptica) ou sistema biodigestor, captação de energia solar, captação da água da chuva (cisternas) entre outros, servem como


opção. “Tenho uma vasta experiência com madeira roliça de eucalipto, hoje consigo substituir 90% do concreto e ferro da obra empregando o sistema construtivo de madeira roliça. É um sistema que reduz velocidade e custo da obra”, afirma. Outras alternativas ecológicas, como paredes sem reboco, são mais interessantes do que o cimento para o conforto térmico, por transmitirem menos calor e manterem a temperatura estável. Pisos de madeira de demolição, em salas e quartos, também proporcionam temperatura agradável. Na área, uma opção pode ser o chão de cimento queimado. A pintura, tintas à base de cal e de terra possuem tonalidades que vão do amarelo ao marrom. O PVC da parte hidráulica pode ser completamente trocado pelo plástico PPR, que suporta água quente. Para Dobelin, apesar de a construção civil ecologicamente correta possuir um custo financeiro mais alto, com relação aos padrões convencionais, ainda se tem economia considerando todo o processo ecológico. “A construção ecológica busca menor consumo e impacto dos materiais poluentes, enquanto a construção normal não se preocupa com o consumo e poluição” destaca a diferença de uma para outra. “A vantagem da construção ecológica é a reeducação do modo de se viver. O que garantirá a conservação do ambiente para as gerações futuras”.

Para alguns profissionais da área da construção civil que defendem que reutilizar materiais de demolição, ou seja, uma construção ecológica, esteticamente se tem uma obra que necessita de mais manutenção, “não é verdade”. Segundo Dobelin, os materiais bem empregados vão dar a mesma manutenção dos não ecológicos e destaca que para se ter conforto, economia, segurança e não degradar o meio ambiente, uma obra ecologicamente correta, tem que contratar profissionais que realmente entendam do processo de construção. “A palavra ecologicamente correta abrange todo o processo da construção, não se restringe apenas em um material específico”, destaca. Considerando a importância de todo o processo global, as construções sustentáveis são opções utilizadas como ferramenta para a melhoria da consciência ambiental da população e, conseqüentemente, contribuinte à sua reaproximação da natureza. De acordo com o arquiteto, para a pessoa que quiser optar por construções sustentáveis, deverá em primeiro lugar, mudar alguns hábitos do dia a dia, fechar a torneira ao lavar louça, separa o lixo orgânico do reciclável, não desperdiçar energia e nem água, utilizar lâmpadas fluorescentes, procurar móveis feitos de madeiras restauradas ou de materiais que garantam certificação ecológica, entre outras ações benéficas que ajudam o planeta.

www.revistatipica.com.br •

17


MOVIMENTO

É hora da Malhação Serviços de personal trainer vem caindo no gosto das pessoas que buscam muito mais que um belo condicionamento físico: a saúde vem em primeiro lugar. Marcelo Pendezza

T

er um personal trainer nos dias de hoje não é inacessível e nem tão caro quando se pensa no custo benefício que este profissional é capaz de proporcionar para um melhor condicionamento físico. Nos últimos anos, o número de profissionais vem aumentando no interior de São Paulo e cada vez mais vão caindo no gosto das pessoas que buscam um bom resultado físico, aliado a segurança e comodidade que o serviço proporciona. De acordo com o professor de educação física e Fábio Prado, personal trainer há oito anos, a procura por seu trabalho personalizado vem crescendo gradativamente. Segundo ele, este crescimento é uma tendência de mercado, face a procura por uma vida mais saudável. “No passado, o trabalho de personal trainer estava muito ligado a estética, a busca pelo corpo perfeito. Hoje, a grande maioria

18

• www.revistatipica.com.br

das pessoas procuram este serviço personalizado em busca de melhor saúde, de uma melhor qualidade de vida. Este, sem dúvida, é o grande objetivo a ser alcançado: saúde”, comentou Prado. Essa mudança de comportamento, segundo o professor, está associada, boa parte, no trabalho da mídia e na propagação da importância de se levar uma vida com o corpo em movimento. “A televisão, as revistas, os jornais cada vez mais falam da importância de se realizar exercícios físicos e essa massificação vem contribuindo na conscientização. Neste sentido, hoje, muitas pessoas procuram as academias e os serviços personalizados em prol da saúde”, disse Prado. Diante desta associação, exercício físico é igual a saúde, o professor comentou que o número de pessoas


que deixam de frequentar a academia durante o período de inverno vem diminuindo ano a ano. “No verão, o número de pessoas que procuram academia aumenta, haja vista que o verão se torna um incentivo a mais, principalmente para aqueles alunos de primeira viagem. Mas, na minha opinião, o importante é que os alunos estão mantendo uma certa regularidade. Ou seja, eles perceberam que manter o treinamento no inverno é importante, não apenas para manter o condicionamento físico, mas justamente porque se exercitar faz bem a saúde”, disse. Um dos maiores benefícios de contratar um personal é a motivação que ele passa, mesmo nos dias de indisposição e falta de vontade para exercitar-se. Anderson Pereira da Silva, administrador de empresa, não tinha o hábito de malhar e de lidar com horários. “Quando você contrata um personal, você passa a seguir os horários e as orientações que nos é sugerida. Fora que ter alguém como um incentivador o tempo inteiro quando você esta malhando e isso motiva muito”, diz Silva. Com a falta de uma atenção individualizada e a necessidade de ser acompanhada de perto, devido a problemas na coluna, a universitária Marise Faleiro de Melo contratou um personal trainer para auxiliá-la melhor nos exercícios diários. “Fiz academia minha vida inteira sem auxílio de um profissio-

nal e percebi que por não saber fazer o exercício da forma correta, meus problemas foram se agravando”, comentou Marise. “Então resolvi contratar um personal e realmente a diferença é nítida. Ele não sai do meu lado um minuto se quer, me ajuda nos exercícios, arruma os aparelhos e nos dias que eu estou desanimada ele levanta meu astral, conversa.”É realmente muito bom”, completou a universitária. Para a jornalista Pâmela Fernanda Paduan, o trabalho do professor de educação física, no caso do personal trainer, é importante no sentido de garantir que a pessoa realize os exercícios de forma correta. No entanto, ela comenta que para as pessoas que fazem exercícios leves, como caminhada, não existe a necessidade de um profissional, desde que a pessoa saiba fazer os alongamentos de forma correta. “Caminhada não vejo problema, mas natação, academia, futebol, acredito que o trabalho de um profissional de educação física é fundamental”, comentou Pâmela, que desde agosto deste ano começou a fazer natação no Clube Recreativo de Sumaré. “Eu estava sedentária e comecei a fazer hidro em janeiro e há pouco tempo comecei com a natação. Durante as aulas eu vejo o quanto é importante ter um profissional ao seu lado te orientando”, disse a jovem.

www.revistatipica.com.br •

19


SAÚDE

RELAÇÃO PACIENTE E MÉDICO NA FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA O trabalho de mão dupla vêm trazendo benefícios Andréia Dorta

20

• www.revistatipica.com.br


V

iver é uma dádiva e cabe a cada um de nós nos precaver da melhor forma possível para manter a boa saúde em dia. Agendar uma consulta sempre que possível é o ideal para manter o “checkup” atualizado. O acompanhamento de um profissional da área médica é essencial, mas tornarmos por hábito algumas dicas na prevenção de diversas doenças, que podem até mesmo matar, é primordial na relação médico paciente. A medicina, em muitos casos, faz o milagre, mas 90% do resultado depende exclusivamente do paciente. Na área da fisioterapia ortopédica não é diferente. Nos últimos anos os avanços foram altamente positivos, pois os aparelhos na recuperação de traumas se aperfeiçoaram e os pacientes mudaram o conceito em relação ao fisioterapeuta. Para Renato Ferreira, proprietário da Cirurhelp em Hortolândia, há 18 anos no mercado e especializada em produtos diferenciados e mão de obra nesse setor, os profissionais de fisioterapia e a ortopedia atuam em um universo de especialidades. “Existem vários equipamentos e suportes que esses profissionais trabalham. Somos uma empresa de varejo e atendemos também a área pública e privada. Temos um canal direto com os profissionais da saúde, proporcionando uma sinergia de negócios e apoio”, declara Ferreira. Na Cirurhelp existem todos os tipos de aparelhos. “Aos desportistas seriam as faixas, joelheiras e todo material de suporte para a prática; para o caminhar diário seriam as palmilhas, calcanheiras e calçados. Sempre existe

algo para auxiliar e prevenir as lesões, entretanto sempre e em qualquer situação é essencial procurar um profissional antes que a prática se inicia, no sentido de prevenção de qualquer tipo de problema que possa surgir”, aconselha Renato. E antes de procurar um profissional, aí vai um alerta: fisioterapeuta não é massagista. Grande parte da população confunde as duas profissões, entretanto cada um deles tem sua especialidade. Para o Dr. Welbertt Fernandes esse é apenas um dos obstáculos que os fisioterapeutas enfrentam. “Essa confusão ocorre e muito. O massagista, as vezes, encontra apenas o ponto da dor. Ele vai, massageia os tais dos nozinhos e o paciente não sente mais a dor. Aí o paciente acha que saiu inteiro de novo. O que acontece? Quando se desfaz esses nós, sentimos o corpo mais leve, mas você nao estabiliza, ou seja, se desfaz o nó e apenas a musculatura é massageada. Nós fisioterapeutas trabalhamos na estabilização. Buscamos na verdade o porque daquela dor ter ocorrido, procuramos a causa e não apenas o sintoma”. Formado há três anos como fisioterapeuta ortopédico, o Dr. Welbertt fez especialização pela Unicamp e afirma que o objetivo junto ao paciente é sempre trabalhar para que ele retorne 100% as atividades diárias e até mesmo desportivas. Atualmente atende na Clínica Dona Alice (CDA) em Sumaré. “Aprendi muita coisa, mas quando a gente sai apenas da faculdade direto para a profissão, infelizmente nunca se sai totalmente graduado para atender. Durante a minha especialização, aprendi muita coisa de en-

www.revistatipica.com.br •

21


fermagem no HC da Unicamp e a cada seis meses faço um curso para me atualizar na área”. Fernandes declara que a gratificação de ver um paciente retomar a própria vida após um longo período de tratamento não tem explicação. “Quando pegamos um paciente acamado ou cadeirante e fazemos todo o processo de reabilitação para ele voltar a andar, tudo gradativo e não de uma vez só, não há palavras para definir o que sentimos”. Existem inúmeras circunstâncias que levam o paciente a procura pelo fisioterapeuta, mas a prevenção também pode ajudar. “O que a gente relaciona, um pouquinho as vezes, são as patologias silenciosas, como as reumáticas, que a pessoa só percebe ao longo dos anos. Para essas não há um método 100% preventivo, mas a recomendação são as atividades fisicas moderadas diariamente, como uma caminhada. Parece uma coisa boba, mas é extremamente importante para a parte fisiológica do corpo: estimula a musculatura, mantém o equilíbrio e ativa a circulação. Atenção aos esportistas de final de semana: um alongamento é importantíssimo antes de qualquer atividade, seja um joguinho de futebol, uma piscina ou ainda uma corrida rápida. Façam alongamento para não ocorrer um aceleramento cardio respiratório, lesões, dores musculares, entre outras consequências.”, orienta o Dr. Welbertt Fernandes.

22

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

23


GASTRONOMIA

Pizzaria sem sair de casa Serviço oferece comodidade, além de surpreender seus convidados Cleyton A. Jacintho

C

alabresa, portuguesa ou uma mais leve, rúcula. Quem é que não adora uma pizza? E se você pudesse ter uma pizzaria com toda estrutura para atender seus amigos com os mais variados sabores quando e onde quiser? Isso já é possível com os serviços de pizzaria em domicílio. Você escolhe a data e local, a empresa vai até sua casa ou empresa, montam uma verdadeira pizzaria, com tudo que tem direito: forno, pizzaiolo, garçom, copeira, pizzas salgadas, pizzas doces e bebidas. Tudo isso com muita organização, capricho e qualidade. Em nossa região os Arquitetos da Pizza oferecem este tipo de comodidade. No serviço de pizzas em casa, eles levam toda estrutura de uma pizzaria para casa ou empresa do cliente, incluindo fornos e pizzaiolos. São 4 horas de rodízio, servindo mais de 30 sabores de pizzas, entre elas doces e salgadas. “A empresa Arquitetos da Pizza foi montada há 06 anos, a ideia inicial era trabalhar na área de eventos e após um estudo de mercado, verificou-se que existia demanda por este serviço na região e começamos a servir primeiro os amigos para ver a aceitação do produto e poucos dias depois já estávamos atendendo os primeiros clientes”, 24

• www.revistatipica.com.br

explica o proprietário da empresa Francisco Alvarenga Campos Júnior. Entre os benefícios para quem contrata este tipo de serviço é importante destacar a comodidade de receber os amigos em sua casa sem precisar se preocupar em servir e preparar a comida para os convidados. “Afinal, a ideia é que todos se divirtam, incluindo o maior merecedor, o aniversariante. O trabalho é todo nosso e feito com o maior prazer”, comenta Francisco. Outro atrativo é o preço que varia entre R$ 16,90 e R$ 22,90 por pessoa, incluindo os garçons para servir. “Foi um sucesso a festa com as pizzas, foi um aniversário de 18 anos e que a maioria deles só fazem churrasco. Como a minha filha queria uma coisa diferente ela escolheu as pizzas, e foi só comentários positivos, disseram que a festa dela estava muito organizada e as pizzas deliciosas”, fala, Raquel Franqueler, que conheceu a empresa por meio de um anúncio publicitário em um ônibus. “ Confesso que eu não conhecia os Arquitetos da Pizza, mas adoramos e com certeza farão mais parte das nossas festas aqui de casa”, completa. Para as empresas que querem oferecer uma no-


vidade durante uma reunião, um evento de final de ano ou atender um novo cliente, este tipo serviço pode surpreender e agradar com certeza. “A pizza foi elogiada durante todo o evento e a bebida sempre gelada, estava tudo perfeito. O cliente que pretendia agradar ficou muito contente com a noite que eles nos proporcionaram, todos muito eficientes e ao mesmo tempo discretos em sua atuação”, diz Valéria Pinheiro. E completa, “Estamos até pensando em fazer um deste todo ano”. Segundo Francisco a aceitação por parte dos clientes tem sido muito grande, prova disso é que a empresa está crescendo já tem uma unidade funcionando em São Paulo. “Temos um controle de qualidade, no qual pedimos o feedback de todos os clientes, para que possamos sempre estar nos aprimorando”, comenta. Outro fator importante para esse sucesso é o treinamento feito pela empresa para capacitar os funcionários. “Todos os nossos funcionários passam por um treinamento em nossa unidade e só estão aptos a coordenar uma festa após 6 meses, de acordo com o seu rendimento. Recentemente inauguramos a nossa mais nova unidade no Chapadão em Campinas que conta com uma cozinha e uma sala apenas para este fim”, explica o empresário. Além da pizza, a empresa conta ainda com outros serviços na mesma linha de atendimento, são eles: Arquitetos

Legenda

do Lanche; são 21 sabores de lanches preparados na hora, incluindo míni-hotdog, míni-hambúrgueres, lanches cortados em formato boca de anjo e os deliciosos escondidinhos de carne seca e bacalhau. Arquitetos da Massa; no qual o cliente escolhe os ingredientes e o prato é montado na hora com mais de 30 opções. E o Arquitetos do Drink; composto pela preparação de deliciosos drinks e coquetéis, com estrutura de bar completa e bartenders para animar a festa.

www.revistatipica.com.br •

25


EVENTOS

BAILES DO HAWAI AGITAM SUMARÉ

Confiram fotos e informações sobre as festas que movimentaram a região Andréia Dorta

F

inal de ano e as festas já começaram. As confraternizações, os amigos secretos, o encontro da familia e tantos outros eventos que nos motivam a esquecer o estresse do dia a dia, a pressão do trabalho e até mesmo alguns problemas que persistem em ficar em nossas vidas. Alguns momentos com os amigos nos transformam como num passe de mágica e no fim de ano esses eventos nos convidam a festejar e renovar a esperança de um novo ano que surgirá, repleto de alegria e realização de sonhos. No último dia 27 de Novembro aconteceu o tradicional Baile do Hawaí no Clube Recreativo de Sumaré. A frente da organização esteve o diretor presidente Antonio Enes Jr, mais conhecido como Tunão, e o diretor social Roberto Clementino Coragem. Para este ano as novidades foram muitas. Com duração de sete horas seguidas, o evento contou com apresentação de quatro bandas diferentes ao invés de apenas duas; estrutura dos camarotes na piscina; salão de beleza dentro do baile a disposição para retoques e maquiagem e por fim iluminação, som e decoração totalmente renovada, além das tradicionais e variadas frutas tropicais. O clube se preparou para um público de aproximadamente 7.000 pessoas. Os presentes puderam curtir ao máximo tanta descontração e alegria no recinto. Acompanhe o evento pelas fotos a seguir. Outro Baile do Hawai aconteceu no Parque Aquático Paraíso das Águas, também em Sumaré. No último dia 11 de Dezembro o parque promoveu a 9º edição do evento, com o tema “Uma noite no paraíso”. A estrutura promoveu o conforto e alegria de aproximadamente 5000 pessoas, que se divertiram ao som da banda Fruto Proibido. A decoração foi totalmente renovada por Beto Guarnieri, empresa especializada de São José do Rio Preto. O som e a iluminação trouxeram tecnologia e modernidade através dos efeitos a luz de led. A frente do evento esteve o Paulão, que junto a equipe do parque promoveu mais um sensacional Baile do Hawai. Veja algumas fotos no site da revista www.revistatipica.com.br. Se você não pode ir, nao fique chateado e se prepare desde já para o ano que vem. Segundo os organizadores, 2011 será ainda melhor.

26

• www.revistatipica.com.br


I W A H A E O I D BA L maré

Su C lu b e R e c r e a ti v o

www.revistatipica.com.br •

27


I W A H A E O I BA L D maré

Su C l u b e Re c r e a t i v o

28

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

29


Paraíso dos Colchões

30

• www.revistatipica.com.br


VIP Mรณveis

www.revistatipica.com.br โ€ข

31


COMPORTAMENTO

Durma melhor e com mais saúde

A escolha de um bom colchão e travesseiro ajudam na tranquilidade do seu sono Andréia Dorta

A

s boas coisas da vida se manifestam de inúmeras formas e parte delas estão nos acontecimentos mais simples. Um deles é dormir. O ato de dormir está entre as principais necessidades fisiológicas do ser humano, entretanto não basta apenas deitar na cama e fechar os olhos. Uma boa noite de sono depende de inúmeros fatores e dois deles se deve a ter um colchão e um travesseiro adequado à própria estrutura física. Pesquisas realizadas em todo o mundo, inclusive por especialistas da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, comprovam maior qualidade de vida a partir do momento que o ser humano consegue dormir bem. Outros dados afirmam que o sono de quem repousa a noite não é o mesmo de quem repousa durante o dia. “Por quase 15 anos o trabalho me fez trocar o dia pela noite. Como fazia três turnos na antiga Dako Fogões, na 32

• www.revistatipica.com.br

semana que dormia de dia e trabalhava a noite era horrível. Dormia sim, mas daquele jeito. Nada substitui o sono da noite”, declara o aposentado Marcilio Martins. Essa percepção de diferenciar dia e noite se deve a produção do hormônio denominado melatonina. Existente também em diversas plantas e animais, uma das funções da melatonina é monitorar o sono, ou seja, quando anoitece o organismo aumenta o nível do hormônio, provocando o sono. Por esse motivo se dá a explicação quando especialistas recomendam um ambiente totalmente escuro e sem qualquer tipo de ruído na hora de dormir. Após uma noite mal dormida, a coordenação motora fica prejudicada, o raciocínio mais lento, bem como outras funcões básicas no cumprimento das tarefas do dia a dia. Em determinados casos, o estress do trabalho, a pressão do dia a dia, problemas de relacionamento e


situações não resolvidas impedem que o ser humano possa relaxar. Nessa situação, cada caso é um caso e cabe a cada um tentar, da melhor forma, resolvê-los um a um. E durante esse período de resolução e pacificação das coisas, talvez uma das alternativas seja ajudar a si mesmo. De que forma? Por acaso já parou para ver em que tipo de colchão e travesseiro está dormindo? Caso a respota seja negativa, aí vai uma dica. Em Sumaré existem duas lojas especializadas quando o assunto é dormir bem. Com preços acessíveis e excelentes condições de pagamento, a Estilo Colchões e Paraíso dos Colchões apresentam inúmeros modelos de travesseiros e camas para o seu bem estar. À frente da Paraíso dos Colchões, os irmãos André e Rodrigo tocam o negócio desde 1997. “Atualmente estamos em dez endereços em toda região”. O trabalho da Paraíso Colchões foca o bem estar do cliente e por isso apresenta um alto padrão de qualidade nos produtos que representa das ínumeras marcas existentes no mercado, desde travesseiros à colchões de todos os tipos, material e tamanho ao gosto e necessidade do cliente. “Tomamos o cuidado de orientar o cliente no que é melhor e mais adequado a ele. Por isso trabalhamos com transparência,

pontualidade e responsabilidade junto a eles, bem como com nossos parceiros. Queremos melhorar ainda mais”, declaram os irmãos André e Rodrigo. No caso da Estilo Colchões, o comando está por conta do casal Patricia de Meira Zanin e Márcio. Representando várias marcas do mercado, a empresária declara a importância da saúde a partir de um bom colchão e travesseiro. “Nós mostramos aos clientes que o colchão remete a própria saúde. É nele que o cliente terá o descanso para o outro dia. As vezes as pessoas acabam escolhendo qualquer produto e por não serem assessorados nesse sentido, acabam optando por um produto não adequado ao próprio biotipo, o que interfere diretamente no relaxamento durante o sono”. As orientações valem também para o travesseiro, que deve evitar que o peso da cabeça force de alguma forma a coluna. Para tanto, o material é de extrema importância, possibilitando ter a mesma espessura para preencher o espaço entre o ombro e a cabeça, evitando forçar a coluna. Diante de tantas variedades, o principal é ter uma orientação correta sobre o que é necessário de acordo com o seu tipo físico. Faça sua escolha e tenha um bom ou melhor sono a partir de agora.

www.revistatipica.com.br •

33


CAPA

DECOLANDO RUMO

A NOVOS HORIZONTES

O atual presidente da Azul, Pedro Janot, fala da vida pessoal, carreira e projetos Andréia Dorta

34

• www.revistatipica.com.br


C

om apenas 51 anos, e com vigor para viver três vezes mais o que já viveu, Pedro Janot prova o quanto a vida deve ser valorizada. “Aprendo com todos ao meu redor: o mais velho, o mais novo e fico impressionado como você não pára de aprender. A grande fonte da alimentação profissional é o conhecimento”. Essa é uma das frases usadas pelo presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras durante a entrevista exclusiva a Revista Típica. Nascido no Rio de Janeiro, Pedro Janot confessa que para driblar essa vida corrida, a presença de uma esposa compreensível e amável é essencial; e aproveita o momento para comemorar que felizmente já encontrou a dele. Janot está no comando da Azul desde Julho de 2008. É formado em Administração de Empresas pela Universidade Cândido Mendes, pós graduado em RH pela PUC Rio e possui MBA pelo IBMEC. A carreira consolidada o colocou a frente de importantes projetos em sólidas empresas como Mesbla, Zara, Grupo Pão de Açucar, Richard´s, entre outras. E por falar no presidente da Azul, aí vai um pouco da história da mais nova companhia aérea brasileira, que neste mês completa dois anos de existência. A Azul Linhas Áreas Brasileiras surgiu em Dezembro de 2008, mas a história começa bem antes com o fundador David Neeleman (fotos ao lado). Nascido em São Paulo em 1959, David morou no Brasil até os cinco anos. Após esse período foi morar nos E.U.A com os pais americanos. Lá começou a vida profissional vendendo pacotes turísticos. Operou aerovanes, participou de projetos e fundou sua 1ª companhia aérea, a Morris Air. No Canadá desenvolveu ideias inovadoras na empresa aérea WestJet e em 1999 apresentou aos americanos a JetBlue, eleita a melhor companhia aérea em vôos domésticos. David é responsável pela compra de aproximadamente 33% dos aviões modelos Embraer 190 e Embraer 195. Em Março de 2008 foi a vez do Brasil. David anunciou que o país ganharia uma nova empresa aérea, com o objetivo de inovar o transporte aéreo nacional. Com investimento inicial de 200 milhões de dólares, a Azul começou a agir. Em maio de 2008, já com o nome Azul, foi apresentada a identidade corporativa da nova empresa. Estampado na cauda das aeronaves, o mapa do Brasil representa o desejo de servir e de unir brasileiros, sem escalas e com baixo custo. Em 15 de Dezembro de 2008 foram inaugurados os dois primeiros vôos da Azul e desde então os números de brasileiros nos arranhas céus aumentaram a cada dia. www.revistatipica.com.br •

35


Revista Típica: Como se deu o início da carreira? Pedro Janot: Abandonei a faculdade de engenharia no 4º ano. Depois fiz administração e segui minha vida inteira o varejo. Curiosamente, sempre estava dentro das empresas em duas situações: em “turning point” (momento de decisão) ou em fase de lançamento. Descobri que não gosto de vida mansa. Gosto de ambientes perigosos. Assim foi na Mesbla em 1981. Depois vieram as Americanas; a Richard´s especializada em roupa masculina, na qual fiquei por 11 anos; na sequência trouxe o projeto da Zara para o Brasil, onde trabalhei por mais oito. Veio também o Grupo Pão de Açucar e hoje estou na Azul. Revista Típica: Quem foi a inspiração para chegar onde está? Pedro Janot: Olha, eu vou ser bem franco contigo. Eu nunca me espelhei em ninguém. Nunca tive um guru. O que fiz foi aproveitar as boas coisas das pessoas que cruzaram a minha vida. Sou muito inquieto. Leio quatro livros ao mesmo tempo e não consigo terminar nenhum. Como já disse, eu aprendo com todo mundo e com todas as boas e não tão boas experiências que vivo. Recentemente aprendi 36

• www.revistatipica.com.br

com o seu Nico, o faxineiro da empresa, com um simples gesto de carinho. Revista Típica: Faça uma análise do crescimento da Azul. Pedro Janot: O mercado brasileiro dobra a cada sete anos, mas na minha opinião dobra em cinco. No setor aéreo, está em absoluta transformação. Em 2001 tínhamos cinco empresas e sobraram apenas duas, criando um monopólio, responsável por 96% do mercado. Na época apenas 11 milhões de pessoas voavam no Brasil por ano, ou seja, numa comparação simples, os americanos voam 4x por ano e o brasileiro voa 1x a cada 4 anos. Com a Azul explorando mais as rotas nacionais e com foco no interior, no caso Viracopos, e o melhor poder aquisito dos brasileiros, nesse ano de 2010, foram 52 milhões de passageiros indo e vindo de todos os cantos. No mês passado chegamos a 6000 milhões de vôos em menos de dois anos. Revista Típica: Quais são os diferenciais da Azul? Pedro Janot: No conceito de projeto, trabalhamos no sistema “low cost low fare”, ou seja, baixo serviço e bai-


xa tarifa, entretanto introduzimos maior valor agregado. No sentido de acrescentar valor ao produto, nos diferenciamos principalmente em relação a pontualidade e estrutura física dos aviões. O passageiro odeia a poltrona do meio e a falta de espaço para os joelhos. Sendo assim, a Azul se agarrou a quatro itens para fidelizar o nosso cliente: pontualidade; tiramos a poltrona do meio; criamos o maior espaço para os joelhos e o nosso sonho é tornar a aviação em algo mais humano. Na Azul não existe passageiro e sim cliente, por isso agimos e pensamos nesse cliente. Além disso, aumentamos o número de passageiros saindo de Viracopos. Exemplo: para chegar a Salvador, 40 pessoas por dia faziam essa rota. Hoje, com um custo mais acessível, mais opções de horários e num curto espaço de tempo, são 500 pessoas indo e vindo diariamente à Salvador. Esse é o produto ponto a ponto com frequência, porque dessa forma, criamos alternativas na segmentação do mercado. A Azul não veio para roubar mercado, e sim partimos do pressuposto de estimular o mercado.

Revista Típica: Quais serão as possíveis mudanças da Azul em relação a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016 sediadas no Brasil? Pedro Janot: O novo governo já anunciou a possível contratação de funcionários estrangeiros para atingir a demanda desses eventos. Mas o que acredito que irá acontecer, devido a escassez desses profissionais no mercado brasileiro, será o arrendamento de possíveis aviões estrangeiros, com tripulação e tudo mais, que serão usados durante esses dois acontecimentos. Após a finalização da Copa e das Olimpíadas, cada avião volta a sua origem. Digo isso porque nós da Azul, nessa fase de crescimento, estamos a procura dos melhores profissionais, estejam aqui na região de Campinas ou fora, mas no mercado está em falta. E mediante ao curto espaço de tempo que existe para o treinamento de novos profissionais e os eventos mundialmente conhecidos, não há viabilidade prática e financeira para esta opção. E na Azul, precisamente, não há nada de concreto. O que poderá ser feito serão vôos extras, conforme os horários dos jogos e durante as madrugadas, mas repito que não há nada de concreto ainda.


Evento de inauguração das festividades de 40 anos www.revistatipica.com.br •

39


2011 estamos focados em dobrar esse número. Até o final de 2011 chegaram 40 novos aviões para alimentar a nova e atual demanda cujas cidades passaremos a atender e até 2013 o objetivo é estar com 78 aviões em circulação.

Revista Típica: Nos conte um pouco sobre os futuros projetos da Azul. Pedro Janot: No segundo semestre de 2011 pretendemos instalar a bordo TV´s com 36 canais ao vivo. Hoje atendemos 28 cidades com 70 vôos por dia, mas para

Revista Típica: Como estão as medidas para a solução do caos aéreo? Pedro Janot: O caos aéreo tem sido uma das grandes preocupações da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Há poucos dias tivemos outro, em que a Tam teve 36% de seus vôos cancelados. O que ajuda também a prejudicar a situação é a infra-estrutura não bem planejada dos maiores aeroportos em todo o Brasil mediante ao aumento de volume no tráfego aéreo. As questões naturais podem impedir sim a decolagem, mas fatores humanos ajudam a comprometer o problema. Entretanto, a estrutura aérea portuária nunca esteve tão forte como nos últimos anos. O caos aéreo é mais um alerta as grandes companhias que mantém a maior concentração de vôos no sentido de melhorarem a própria organização.


Pedro Janot na Semana de Palestras dos 40 anos de Comunicação - PUC Campinas

AZUL NA PREVENÇÃO CONTRA O CÂNCER DE MAMA

Desde o último dia 06 de Dezembro, a Azul decolou na luta contra o Câncer de Mama. Em parceria com a Embraer e a Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio a Saúde da Mama (FEMANA), a Azul aderiu a campanha. O primeiro passo foi pintar uma das aeronaves de rosa, cuja cor simboliza a luta contra a doença em todo o mundo. Outra medida abrangeu toda a tripulação, composta apenas por mulheres, inclusive a comandante, uniformizadas de rosa, no intuito de propagar a necessidade do auto exame na prevenção ao Câncer de Mama. “A ideia surgiu em uma conversa a Dra. Maira Caleffi, presidente da FEMANA. Eu perguntei se um avião pintado de rosa ajudaria na causa e ela disse que sim. Daí foi só contactar a Embraer sobre a mudança de tinta e deu tudo certo”, declara Pedro Janot, afirmando que é essa é apenas a 1ª medida no projeto de sustentabilidade a partir de 2011.

www.revistatipica.com.br •

41


Revista Típica: O que mais te marcou na vida até hoje? Pedro Janot: Minha vinda para São Paulo. Quando vim para cá, com 38 anos, foi uma ruptura muito grande. Eu sabia que para crescer eu precisava sair do Rio, mas eu queria conquistar a grande cidade. Foi um passo muito duro, longo e de difícil conquista, mas eu cheguei e é isso que importa. Um outro evento que me recordo foi durante a juventude. A minha família não era rica, mas ganhei um barco para

42

• www.revistatipica.com.br

velejar. Ganhei muitas competições, mas uma em especial me fez amadurecer. Na época, como todos os barcos eram iguais, não havia desculpa em caso de não vencer. E como não venci, fiquei bravo comigo mesmo, esmurrei muito o barco, pois sabia que tudo dependia apenas de mim. Daí aprendi que as nossas conquistas dependem apenas de nós mesmos. Não há desculpas para reparar as nossas derrotas. Com elas precisamos rever os erros para que não os pratiquemos novamente.


www.revistatipica.com.br •

43


ARQUITETOS DA PIZZA 44

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

45


CIDADES

Cartório Postal

Conheça esta novidade que beneficiará a população de Sumaré Cleyton A. Jacintho

A

população de Sumaré agora já pode contar com uma novidade que vai trazer muitos benefícios. A Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Sumaré (ACIAS), acaba de inaugurar uma franquia da Cartório Postal. Nela os clientes com pouco tempo para correr atrás de documentos poderão aproveitar a comodidade de todos os serviços postais oferecidos pela franquia. Dentro da Cartório Postal o usuário tem a possibilidade de obter a maioria dos documentos existentes em um cartório de qualquer cidade do País tais como: certidões, autenticações, protestos, escrituras ou registros. No entanto é importante lembrar que o estabelecimento não é um cartório, mas sim uma prestadora de serviços. A Cartório Postal é uma excelente alternativa para aquela parcela da população que não tem tempo ou simplesmente não quer ter dor de cabeça, uma vez que atua na assessoria das diversas áreas de registros públicos, a fim de oferecer auxílio na obtenção de documentos públicos registrados nos tabelionatos de todo o Brasil, por isso a empresa tende a se tornar um grande atrativo na cidade. Este novo serviço está entre os vários produtos oferecidos pela ACIAS e sua inauguração oficial aconteceu no último dia 5 de novembro. O objetivo é oferecer mais benefícios à comunidade com serviços rápidos e de qualidade. “A ACIAS continua fazendo o seu papel, com produtos e serviços de qualidade. E nosso objetivo à frente da diretoria é melhorar cada vez mais”, comenta o presidente da entidade, Valter Roberto Matteuzzi. De acordo com o gerente executivo da ACIAS, Fernando Monteacutti, a Cartório Postal é uma rede de

Franquias que já conta com 104 lojas no Brasil e uma no exterior. Segundo ele, a ACIAS é a primeira Associação dentre mais de 2200 no país a implantar a franquia. Entre os serviços oferecidos pela Cartório Postal de Sumaré estão: a solicitação de segunda via de documentos em qualquer lugar do Brasil, mais de 150 tipos de certidões, protestos de títulos em qualquer lugar do país, pasta pronta para financiamento imobiliário, cidadania Italiana, Espanhola e Portuguesa através das embaixadas e muitos outros serviços, todos em nível nacional. “A Cartório Postal oferece especialmente às agências de bancos, advogados e contabilistas um atendimento personalizado, com retirada e entrega de documentos com horário marcado e preços diferenciados”, explica Fernando. Com completa consultoria, assessoria cartorária, rapidez e facilidade, os serviços já estão disponíveis numa sala na Associação. Na franquia existe a comodidade de reunir em um só local diversos serviços para pessoas físicas e jurídicas que necessitam de documentos públicos via Cartório, Receita Federal e Fóruns localizados em qualquer região do País, como: segunda via (Certidão de Nascimento, Casamento e Óbito); Pesquisa Patrimonial (Certidões Atualizadas e Outras); Protesto de Títulos em Geral (Certidão Negativa e Baixa de Protesto); Assessoria em Crédito Imobiliário (venda e compra de Imóveis); Assessoria Jurídica (Certidões para Escritura Pública de Inventários e Partilhas Certidões para Escritura Pública de Separações e Divórcios).

A FRANQUIA A Franquia Cartório Postal é única em seu segmento, e suas unidades contam com um centro de conveniência que agrega, em um único local, diversos serviços para pessoas físicas e jurídicas que necessitam de documentos via cartório. Criada pelo empresário Flavio Lopes da Costa, que teve a ideia de investir em um mercado pouco explorado no país, a empresa é capaz de prestar serviços cartorários diferenciados. Desde sua fundação, por volta de 1992, a empresa vem registrando um excelente crescimento e rápida expansão. Em cerca de 17 anos no mercado, a Cartório Postal, tem em sua carteira uma grande rede de clientes entre bancos, grandes indústrias e renomados escritórios de advocacia e imóveis por todo o país. Em Sumaré a Cartório Postal está localizada na Rua Antonio Jorge Chebabi, 1212, no Centro. O telefone para contato é: 3873.8712. E o e-mail é: contato.sum@ cartoriopostal.com.br.

46

• www.revistatipica.com.br


Personalidades

Família Yanssen:

Construindo uma história de trabalho e sucesso Cleyton A. Jacintho

C

onstruir a vida com uma base familiar sólida é um dos grandes sonhos de todos nós. Quando nos deparamos com casos de famílias, que ao longo dos anos foram se estruturando e ajudando a construir a história da nossa cidade, nos sentimos igualmente orgulhosos. Um ótimo exemplo disso é a história da família Yanssen. Tudo começou quando em 1936, o Senhor Antônio Yanssen, com sua esposa e cinco filhos, chegaram em Sumaré. “Meu avô foi um dos primeiros pedreiros aqui de Sumaré. Trabalhava já no ramo de construção civil. E meu pai Antônio Carlos Yanssen, que também trabalhou no ramo imobiliário. Ele tinha uma imobiliária e trabalhava com compra e venda de imóveis. Depois ele foi proprietário de uma fábrica de blocos de concreto e laje. Foi ai que comecei entrar na área de construção. Eu ficava com ele na fábrica e comecei a me interessar por esse ramo de construção civil”, conta com orgulho o Engenheiro Civil e Ambiental, Marcelo Alexandre Balan Yanssen, o terceiro da família no ramo da construção. Marcelo se formou na faculdade de Engenharia em 1998, mas desde 1993 começou a trabalhar em uma empresa de construção, a Construtora BMV de Sumaré. “Traba48

• www.revistatipica.com.br

lhei lá por 14 anos e em 2005 sai e fundei a Ecos Engenharia. A Ecos era uma empresa pequena, voltada mais para a área de consultoria ambiental e projetos em geral. Depois de três meses, com a empresa aberta, fui contratado pela Singer para fazer a transição da fábrica de Campinas para Juazeiro do Norte no Ceará. Eu trabalhei lá oito meses com o gerente da Singer, seu José Ângelo Grizolio. Ele me ajudou bastante no começo, me deu bastante força, estrutura e base para eu angariar coisas melhores”, comenta o Engenheiro. A partir daí começaram a surgir vários serviços e a empresa, que tinha apenas um funcionário e funcionava em sua própria casa, começou a crescer e se estruturar. Começou a prestar serviços de manutenção industrial em empresas como a PPG, Sucos Del Valle, Amanco e Sherwin Williams. “Em cinco anos conseguimos formar um grupo de empresas importantes no cenário nacional. Nesse período começamos também com construção de casas. Eu tinha quatro funcionários e ia com meu carro levar o pessoal na obra. Tinha época em que não tínhamos serviço nas empresas e como tinha o pessoal registrado corretamente, a ideia de construir casas para venda surgiu quando não havia serviço nas empresas. Compramos um terreno, dividimos em dois e começamos a fazer uma casa. Em dois anos concluímos 12 casas” explica.


Arquivo Pessoal

Marcelo, com muita humildade, reconhece que sozinho é difícil alcançar alguns objetivos e por isso tem muita gratidão à algumas pessoas que o ajudaram nesta empreitada: a construtora BMV e seus diretores foram fundamentais no seu crescimento como profissional. “Agradeço demais a eles. Tudo o que eu sei hoje, foi porque eles foram meus professores, me ensinaram tudo, aprendi como administrar uma obra, fazer um orçamento, gerenciar uma construtora. Tive muita felicidade de trabalhar em uma empresa que me apoiasse dessa forma e em razão disso tive mais vontade de continuar nesta profissão”, fala Marcelo. Foram muitos os trabalhos realizados nesses anos de profissão e Marcelo tem muito orgulho de ter trabalhado em cada um deles. “As obras de que tenho mais orgulho foram: a obra da Estância Árvore da Vida, um auditório para 12 mil pessoas, do qual eu sou responsável técnico, e do edifício Cruzeiro do Sul, essas duas pela BMV. Mas a Singer é uma obra marcante, pois foi a primeira. A fatura 001 da Ecos é da Singer, mas o que marcou mesmo foi a confiança depositada em mim”, explica com satisfação o Engenheiro. A história de Marcelo, hoje casado e pai de dois filhos, se entrelaça com as vidas de seu pai e de seu avô que

sempre estiveram envolvidos no ramo imobiliário de alguma forma, cada um no seu tempo, cada qual com sua realidade. E para o futuro o engenheiro tem projetos que, com muita certeza deixariam o avô orgulhoso se ainda estivesse vivo. “Temos um projeto de lançar um empreendimento imobiliário com cerca de 40 casas muito em breve”, completa. “Acredito que uma história de sucesso se conquista com muito trabalho, com o apoio de amigos e familiares e com a força de Deus. É assim que tenho crescido como pessoa e profissional”, finaliza Marcelo.


50

• www.revistatipica.com.br


www.revistatipica.com.br •

51


Revista Típica - Edição 14 - Sumaré  

: A Revista Típica é uma publicação da Editora Seta Regional e têm como objetivo levar a seus leitores, entretenimento, tendências, atualida...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you