Page 1

TÍPICA Ano II • Edição 07 • Julho de 2009 www.tipica.com.br

Protetor Solar Mesmo no inverno a radiação solar prejudica sua pele

Sabor

Confira os benefícios que o vinho traz à sua vida.

SUMARÉ: 141 ANOS

Viaje ao passado, relembre a história e acompanhe o crescimento da Cidade Orquídea


EDITORIAL

J

ulho: mês das quermesses, das férias escolares e do friozinho que deixa a gente com “aquela” preguiça de levantar da cama tão cedo. Além desses acontecimentos, nós sumareenses (de sangue ou coração) temos motivos de sobra para também comemorar: são 141 anos de existência, mudanças, desenvolvimento e milhares de experiências guardadas em cada memória e coração das pessoas que por aqui passaram e ainda moram na cidade, e que no conjunto, construíram e constroem a cada dia essa linda história da Cidade Orquídea. É com alegria que toda a equipe da Típica deseja Parabéns. E por falar em Parabéns, nós da Típica também estamos em festa: já completamos nosso primeiro aninho junto à vocês, trazendo a cada edição novidades, entretenimento, curiosidades e outros assuntos pertinentes à cidade de Sumaré. Um dos assuntos abordados nessa edição é o constante desenvolvimento do município: mais empresas estão chegando à cidade (a Saint-Gobain Vidros S/A e a ArcelorMittal Inox Brasil). E viva o progresso sumareense. E não são apenas as empresas que fazem de Sumaré a segunda cidade mais importante da região. Mais uma vez, a cidade é levada ao Brasil, agora com a Banda Rancho Universitário. Conheça a trajetória desses garotos, que depois de aparecerem no Programa Domingão do Faustão, ganharam mais confiança e credibilidade no trabalho musical que nasceu em Sumaré. Como matéria de capa, trazemos até você um pouco da história de Sumaré. Aos que já conhecem, basta apenas relembrar alguns fatos do passado e aos que não conhecem, um breve relato, que pode despertar sua curiosidade em saber mais sobre essa formosa cidade. Também trouxemos algumas dicas para você encarar a estação do frio. Você usa filtro solar no inverno? Se a sua resposta for negativa, veja a importância do filtro, também no inverno, na editoria saúde. Para quem gosta do friozinho, a dica é um bom vinho e um cardápio ao seu paladar. Saiba mais na editoria gastronomia. E por falar em cardápio, no inverno é quase impossível não ganhar alguns quilinhos indesejáveis, mas observem na matéria sobre musculação o quão indispensáveis são as atividades físicas e descubra que é nessa estação que podemos perder peso com maior rapidez. Veja também alguns detalhes sobre as festas desses últimos meses que aconteceram na cidade: a Semana Cultural Japonesa (que acontece todo ano na Associação Nipo Sumaré) e os 25 anos do Assentamento I. E para finalizar, descubra como os balões podem fazer de sua festa um sucesso, basta usar a criatividade e soltar a imaginação com auxilio de bons profissionais. Uma excelente leitura à todos e até a próxima! Leandro Perez Ribeiro Diretor Executivo

Andressa Pirschner Assunção Diretora Executiva

EXPEDIENTE

A revista Típica é uma publicação bimestral da Editora Seta Regional. Circula em Sumaré-SP, com tiragem de 6 mil exemplares.

Edição, Administração e Publicidade: Editora Seta Regional Ltda. Rua Antonio Pereira de Camargo, 421 Sala 03, Centro - Sumaré-SP Cep: 13170-200 Telefone: (19) 3873.1745 setaregional@setaregional.com.br Site: www.setaregional.com.br Diretora Executiva: Andressa Pirschner Assunção andressa@setaregional.com.br

Diretor Executivo e Comercial: Leandro Perez Ribeiro leandro@setaregional.com.br

Jornalista Responsável: Andréia Dorta, MTb: 52.196 andreia@setaregional.com.br

Jornalistas Assistentes: Cleyton A. Jacintho, MTb: 51.959 cleyton@setaregional.com.br

Marcelo Pendezza, MTb: 37.209 marcelo@setaregional.com.br

Silmara Soares, MTb: 50.003 silmara@setaregional.com.br

Edição de Arte / Diagramação: Emily Andrade emily@setaregional.com.br

Colunistas: Eduardo Gigo Magda de Mariolani

setaregional@setaregional.com.br

Comercial: Leandro Perez Ribeiro

leandro@setaregional.com.br

Colaborador: Eduardo Castilho

setaregional@setaregional.com.br

Fotos Capa e Matéria de Capa: Inove Studio e Eventos Administrativo/Financeiro: Andressa Pirschner Assunção andressa@setaregional.com.br

Impressão: Mundo Digital Gráfica e Editora Ltda. Assessoria Contábil: Exato Contabilidade Importante: As informações contidas nesta revista são para fins educacionais e informativos. A revista Típica não se responsabiliza pela utilização inadequada das informações aqui veiculadas, nem pelas opiniões de nossos colaboradores e anunciantes.

“Tudo posso naquele que me fortalece” - Filipenses 4:13

4

• TÍPICA


SUMÁRIO

08 COMPORTAMENTO

Solte a criatividade e arrase em sua festa com decoração de balões.

IGREJA DE SANTANA PRAÇA DA REPÚBLICA:

Marco zero municipal, a cidade cresceu e se desenvolveu em torno da Praça da República; local deve ser reformado nos próximos meses pela Prefeitura.

10 EM ALTA

Mais empresas se instalam em Sumaré, gerando empregos e investimentos.

12 CIDADES

Veja os 25 anos de história do Assentamento I, modelo em todo o país.

14 SOCIAL

Quem? Quando? Onde? Em Sumaré!

28 SAÚDE

É no inverno que a pele necessita de cuidados, inclusive do uso constante de protetor solar.

30 GASTRONOMIA

Aprimore seus conhecimentos e os benefícios do vinho.

31 MOVIMENTO

Atividades físicas no inverno, principalmente a musculação, ajudam a perder peso.

32 EVENTOS

Confira as comemorações da imigração japonesa na Associação Nipo Sumaré.

34 PERSONALIDADES

Rancho Universitário: a banda que leva o nome de Sumaré ao Brasil.

20 CAPA

Conheça os detalhes de como surgiu a cidade de Sumaré

36 HORÓSCOPO

Com a astróloga Magda de Mariolani.

38 ARTIGO

Nessa edição, Eduardo Gigo relata os acontecimentos que tornaram Sumaré uma das mais importantes cidades do interior paulista.


COMPORTAMENTO

Da imaginação a realidade dos sonhos Descubra como os balões podem transformar uma decoração Andréia Dorta

“C

ai, cai balão! Cai, cai, balão aqui na minha mão!” A cantiga é conhecida e sem dúvida até mesmo você um dia já cantou. E quanta coisa se perdeu desde a infância: cheiros, gostos e sentimentos se esvaíram em todos esses anos. Entretanto uma coisa é certa: a magia das pequenas coisas está aí dentro de você, basta querer reviver. Algumas circunstâncias do presente remetem às fantasias do passado e uma delas são as bexigas ou balões. Quem já não chorou porque no final da festa não levou nenhum para casa? Há alguns anos, as comemorações, principalmente de aniversários, eram realizadas nas próprias residências, momento no qual a chegada dos familiares era ansiosamente aguardada. O motivo? Os adultos tinham uma função importantíssima: encher os balões para a criançada se divertir, mas antes, todos vislumbravam o encanto de tudo arrumado na mais divertida perfeição entre cores, tamanhos e formatos. Hoje a sofisticação das festas (aniversários, casamentos ou eventos empresariais) chegam a novas proporções e tendências, principalmente em relação aos balões artísticos, inclusive na forma de utilizá-los nos quatro cantos do mundo. “As festas viraram grandes eventos”, declara Josélio Souza (34), proprietário do Ateliê dos Balões e Cia em Sumaré. “Na realidade as pessoas, principalmente as mães, quando procuram uma decoração, não vem simplesmente comprar balões. Elas buscam a realização de um sonho”, complementa. Em contato com amigos e profissionais no exterior, o empresário revela que em países como Peru, Equador e E.U.A, o uso de balões é comum até mesmo em funerais e principalmente em casamentos. A tendência é transformar o conceito do brasileiro diante das variedades e diversificações dos tipos de balões, que vão desde os simples usados em festas domésticas até os metalizados e enchidos à gás hélio, que por algum tempo flutuam no ar. Profissionais como Adriana Sedlak e Ricardo Rodrigues, ambos artistas plásticos, investiram no conhecimento e modernização do setor e hoje são renomados no

8

• TÍPICA

ATELIÊ DOS BALÕES: Decoração de 15 Anos com painel de balões / Acessórios e Espaço: ESTRUTURA FESTA mercado nacional e internacional. Ricardo, por exemplo, se destaca pela habilidade em arranjos, o que já lhe proporcionou inúmeros prêmios: único brasileiro e Sul Americano a vencer no IBAC (International Balloon Arts Convention) em Chicago 1999; gravou seu nome no hol brasileiro de competições obtendo resultados consagradores em Centros de Mesa (Plasteng/Qualatex 2000 e Rica Festa 2001), entre outras conquistas. Adriana, ao contrário de Ricardo, se especializou no mercado interno, pois além de decoração para festas infantis e eventos, promove cursos em todo o Brasil aos aspirantes do ramo. Nessa área, técnica e conhecimento trilham os caminhos dos especialistas, que buscam se diferenciar na eterna busca do aprimoramento do que melhor sabem fa-


zer: fantasias e concretizações de sonhos. Para isso, durante todo o ano, existem congressos (como o Idéias Gigantes, ocorrido nesse ano em Curitiba); revistas especializadas e troca de experiências, bem como a inovação e resistência dos materiais. O diferencial dos trabalhos de balonismo vão desde a criação de arranjos de mesa à montagem de grandes cenários temáticos e, acredite, tudo feito com balões. É infinita a quantidade e o tipo de balões que existem: compridos, redondos, em forma de bichos, coração, desenhos animados, cores, metalizados, látex vulcanizados, enchidos à ar, enchidos à gás e até mesmo vazios: o conjunto dessa imensidão de variedades transforma em realidade os mais inusitados e incríveis desejos cinematográficos da imaginação. E para realizar o seu sonho, não é difícil: basta ter em mente a idéia, disponibilidade de investimento do tamanho do seu sonho e um bom profissional, e vocês sumareenses fiquem felizes, pois em toda a RMC (Região Metropolitana de Campinas), especialização desse porte está aqui mesmo, dentro de Sumaré, no Ateliê dos Balões e Cia. O telefone para contato (19) 3306.9089. “Criatividade sempre significa fazer o não-familiar.” (Eleanor Roosevelt). Então, solte a imaginação e torne-a real, e porque não com balões?

ATELIÊ DOS BALÕES: Arranjo de Mesa


EM ALTA

Mais empresas, novos empregos Nos últimos meses, duas grandes empresas do ramo automobilístico se instalaram em Sumaré, criando cerca de 100 novos postos de trabalho

Divulgação

Marcelo Pendezza

Linha de montagem da Honda Automóveis

E

m época de crise financeira mundial, onde a todo momento ouvimos notícias sobre fechamento de empresas e falências, principalmente nos Estados Unidos e Europa, o Brasil, em especial o município de Sumaré, vêm dando provas de que é possível crescer neste período, que é apontado como o pior da história, superando inclusive a “grande depressão”, com a quebra da Bolsa de Valores de Nova Yorque em 1929. Neste sentido, nos últimos meses, duas grandes empresas do ramo automobilístico resolveram investir e abrir suas filiais em território sumareense. A partir de junho, passou a operar no Parque Industrial Brasileiro (PIB) a Saint-Gobain Vidros S/A e a ArcelorMittal Inox Brasil, líder mundial em fabricação de tubos de inox para fabricação de escapamentos de veículos automotores. Juntas, os investimentos ultrapassam a cifra dos R$ 10 milhões, criando diretamente mais de 100 novas vagas no mercado de trabalho. A Saint-Gobain Vidros S/A, multinacional francesa, está instalada em um galpão de três mil metros quadrados. O prédio, de acordo com o proprietário do PIB, Aref Farkouh, foi construído em tempo recorde (apenas 90 dias), para que

10

• TÍPICA

viesse abrigar a empresa. Em Sumaré, a Saint-Gobain Vidros S/A trabalhará na linha de montagem de vidros veicular, sob medida, para a Honda Automóveis do Brasil. “É com grande alegria que registramos mais este investimento para a nossa cidade. Nesta época de crise financeira mundial, onde a maioria das manchetes retrata fechamento de postos de trabalho e recessão, este anúncio vem coroar o bom momento da nossa cidade e mostrar que a tendência é registrar o reaquecimento da economia”, declarou o prefeito José Antonio Bacchim, durante o anúncio das novas operações. De acordo com o gerente de suprimentos da empresa, Ubirair Menezes, face ao atendimento a Honda Automóveis, a Saint-Gobain Vidros S/A se propôs a criar uma filial na região e, devido a sua localização estratégica, Sumaré foi escolhida. “Trouxemos a nossa linha de montagem de vidros automotivos e o município se enquadrou perfeitamente nos quesitos que a empresa procurava. Um local de fácil acesso, próximo da rodovia Anhanguera e do nosso cliente”, destacou Menezes. Neste primeiro momento, a Saint-Gobain contratou 40 funcionários, todos moradores de Sumaré. “Gosta-


ria de agradecer a colaboração e empenho do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), que nos ajudou bastante para que encontrássemos os 40 trabalhadores do perfil da empresa”, disse o supervisor de logística, Valdir Molina. Os trabalhadores realizaram treinamento na unidade da empresa de São Caetano do Sul e em breve outros postos de trabalho devem ser abertos. “Esperamos realizar novas contratações no segundo semestre. Para isso, vai depender de como anda o mercado”, disse Molina, destacando que a unidade de Sumaré poderá atender no futuro empresas fabricantes da linha branca, como tampas de vidro para fogões e tampas de vidro de forno de microondas.

ARCELOR MITTAL INOX A empresa ArcelorMittal Inox do Brasil, líder mundial em fabricação de tubos de inox para fabricação de escapamentos de veículos automotores, investiu cerca de R$ 5 milhões em seu mais novo Centro de Corte de Tubos, em Sumaré. De acordo com o diretor superintendente da ArcelorMittal, Carlos Eduardo Junqueira, a unidade com 4,4 mil m² de área construída, fica instalada no PIB, às margens da Rodovia Virgínia Viel Campo Dall´Orto e empregará, di-

retamente 70 pessoas. “Investimos mais de R$ 5 milhões nesta unidade e cerca de R$ 900 mil foi empregado apenas para fazer as adequações necessárias da planta”, declarou Junqueira. A implantação da unidade de Sumaré, segundo Junqueira, se dá principalmente em função da localização estratégica do município. Para isso, os equipamentos da empresa, que estavam em Timóteo (MG) e Ribeirão Pires (SP) foram transferidos para a Cidade Orquídea, centralizando o serviço de corte de tubos de inox. “Em Sumaré, os nossos clientes estarão em um raio de 150 quilômetros. Com isso, reduziremos custos em transporte e embalagens. Sem dúvida, a localização de Sumaré e a infraestrutura do PIB foram fundamentais para a escolha”, declarou o superintendente. Mesmo diante da crise mundial, Junqueira afirmou que a expectativa da empresa é de aquecimento do mercado para os próximos meses. “Novembro e dezembro houve queda e, no primeiro semestre de 2009 os pedidos aumentaram. Temos certeza que o mercado está aquecendo novamente e, neste momento, a nossa meta é expandir e consolidar”, disse Junqueira. A ArcelorMittal Inox, com a unidade de Sumaré, deve faturar neste ano de 2009 cerca de U$ 50 milhões de dólares.


CIDADES

Assentamento I de Sumaré

comemora 25 anos Organização de comunidade é bem vista e utilizada como modelo para demais assentamentos

Fotos: Divulgação

Silmara Soares

O

Assentamento I de Sumaré comemora, esse ano, 25 anos de conquista da terra. Compreender a vivência e história, no período 1984/2009, examinando as condições de vida das famílias assentadas; o acesso a terra e da sua organização em comunidade de trabalho; lazer e sociabilidade, não é tarefa fácil. Quem imaginaria que, um grupo de desempregados, conquistaria espaço, ganharia o respeito da sociedade e se tornaria referência dentro do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) em todo Brasil? Num bate papo descontraído, Ulisses Nunes Gomes, um dos organizadores do Movimento Sem Terra de Sumaré e morador do Assentamento I, conta à Revista Típica os momentos de alegria, dificuldades e conquistas do grupo, que se tornou modelo de assentamento e referência para muitas teses de mestrado e doutorado. Tudo começou com uma horta comunitária no Jardim Rosolém, em Hortolândia (na época Sumaré). Formado por 29 famílias, o trabalho comunitário tinha como objetivo atender pessoas desempregadas, passando por necessidades financeiras. Segundo Nunes, o projeto ficou pequeno diante das necessidades e então decidiram ocupar terras improdutivas. Na década de 80, ao lado de 600 famílias, aproximadamente, o grupo se instalou primeiro na Fazenda Tamoios,

12

• TÍPICA

em Araraquara. Sem sucesso nas negociações, decidiram ocupar o Horto Florestal de Araras. Ali a própria população colocou-se contra o movimento e foram despejados. “Era muito difícil. Estávamos em plena ditadura e todos tinham medo do que podia acontecer”, afirma Nunes. As primeiras derrotas fortaleceram o grupo, que se organizou e passou a negociar com o Governo do Estado a cessão de terra do Horto Florestal de Sumaré. Em fevereiro de 1984, veio a derradeira conquista, diante de muitas vividas pelo grupo – o Estado concedeu uma área de 10 hectares. Hoje vivem no assentamento 51 famílias, sendo 26 titulares e 25 agregadas (filhos dos titulares que se casaram e possuem uma família).

PRIMEIROS PASSOS Ao ser perguntado sobre um momento marcante que ficou registrado em sua memória (além é claro da conquista da terra), Ulisses responde que são dois episódios de grande importância: o primeiro foi quando todos juntos, uns com facões, outros machados e até mesmo, com as próprias mãos, prepararam a terra para as primeiras sementes. O segundo momento foi a emocionante colheita dos primeiros produtos cultivados com “luta e garra”.


Mas ele relembra: além das dificuldades para arrumar doações de mudas ou sementes na iniciação do plantio, tiveram que enfrentar a rejeição, na época, de alguns moradores da cidade, que viam neles apenas “aventureiros”. Para Nunes, essa fase já foi superada há muito tempo. “Temos um excelente casamento campo e cidade”, relata com ar de satisfação, destacando ainda, a importante ajuda que o assentamento recebeu, no início, das comunidades religiosas com envio de mantimentos. Em lotes pequenos, o trabalho da terra fica por conta do esforço de cada grupo. Entre as principais atividades do Assentamento, está a produção de grãos, hortifrutas e hortaliças. Entretanto, o que realmente faz a renda do assentamento girar é a produção de mandioca, que virou até festa, ou melhor, a 12º Festa da Mandioca (conferir abaixo).

ASSENTAMENTO DE HOJE, FUTURO DE AMANHÃ Com o assentamento organizado, a luta mudou para alcançar junto aos orgãos do Estado condições de financiamentos, linhas de créditos, entre outros investimentos, o que facilita a produção de alimentos no mercado interno. Ainda, com o apoio de universidades e o setor público da região, como a UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas), a Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) e da Prefeitura de Sumaré,  os assentados tiveram condições de investir na irrigação. Diante dessa estabilidade do grupo, novos investimentos foram feitos. Nos últimos meses, as bananas ganharam mais espaço na comunidade: cerca de 70 mil pés. Além

da produção do fruto na comercialização, as fibras também passaram a serem utilizadas pelo grupo de mulheres artesãs, que confeccionam luminárias, cachepôs, bolsas, portas-chá, jóias, retrato, vinho, entre outros objetos. Outro “investimento” da comunidade é no futuro dos seus jovens. Nas famílias do assentamento, os jovens precisam buscar qualificação profissional para enfrentarem o desafio da terra. Além dos estudos, esses jovens desenvolvem projetos de recuperação de matas ciliares dos mananciais, em parcerias com empresas, ONG, faculdades e prefeitura. De acordo com Ulisses, o assentamento está hoje consolidado, “o pessoal tem uma vida razoavelmente boa”. “Todos tem uma vida digna”, afirma, comemorando o sucesso do assentamento. “É um sonho que virou realidade”, completa.

TÍPICA •

13


No mês de junho, Sumaré contou com os célebres eventos de posse dos novos presidentes e conselhos diretores do Rotary Club Sumaré Norte que nomeou presidente a companheira Denise Ribeiro e do Rotary Club Sumaré Ação que nomeou o companheiro Luiz Carlos Fantini como presidente. As solenidades reuniam sócios, familiares, convidados e várias homenagens foram prestadas aos companheiros dos clubes.

Fotos: Jefferson

NOVOS PRESIDENTES, ROTARY CLUB SUMARÉ NORTE E ROTARY CLUB SUMARÉ AÇÃO

Theodoro

SOCIAL


P MAKEY RKSHOorga 1º WOzado nização por

Foi reali do Buffet Makey seu 1º Workshop que contou com parceiros e fornecedores indispensáves para a realização de um bom evento.

2º Encontro Villa Running

No dia 07 de junho, satisfeitos com o sucesso do 1º evento sob organiza ção da Academia RR Sports e Nutrione , foi realizado o 2º Encontro Villa Runn ing no Villa Flora. Em breve a organiza ção pretende realizar uma prova de corr ida em Sumaré.

JUBILEU DE OURO LIONS CLUBE SUMARÉ-SP

A Revista Típica parabeniza o Lions Clube, pelo seu Jubileu de Ouro que será comemorado em Agosto de 2009. Agradecemos todo o empenho por estes 50 anos de dedicação voltados para esta cidade. PARABÉNS SUMARÉ!

Temos muito à comemorar, o progresso é geral em todos os aspectos. Sumaré tem se destacado entre os municípios que mais abrem postos de trabalho na RMC (Região Metropolitana de Campinas).

“Parabéns Sumaré, pelos seus 141 anos.“ Diretor do Trabalho e Emprego Ed Carlo Michelin Prefeitura Municipal de Sumaré

TÍPICA •

15


Fotos: Inove Studio e Eventos

INOVE MODEL FASHION 2009 Depois de muito planejamento entre os parceiros do evento e de diversos votos pela internet, chegou a grande noite de desfile do dia 23 de maio, com abertura dos modelos da You Models. O evento, que reuniu mais de 500 pessoas, e arrecadou 300 kilos de alimentos revertidos à APAE, abrilhantou a passarela com muito charme e beleza, trabalho difícil para os jurados do concurso, que selecionaram na categoria infantil (3 a 10 anos) as canditadas: GABRIELLA MURACA DE PAULA, MAYNE LETICIA DE SOUZA e MILENY AMÁDIO DE SOUZA. E na categoria teen (11 a 17 anos) as canditadas: KÉTULA DA SILVA DE PAULA, MIKAELA DE SOUZA e JULIANA CHERAMY. A revista Típica por sua vez, premiou as primeiras colocadas das duas categorias para ilustrarem nessa edição a matéria de capa, em comemoração aos 141 anos da cidade de Sumaré. As beldades Gabriella e Kétula fizeram bonito, e agora é só conferir o resultado. Parabéns meninas, o trabalho ficou fantástico, como profissionais da área vemos muito sucesso pelo caminho dessas princesas.

16

• TÍPICA

GANHADORAS: KÉTULA DA SILVA DE PAULA E GABRIELLA MURACA DE PAULA


TÍPICA •

17


Inauguração do Restaurante e Choperia

AKUERAN

Fotos: Divulgação

No Dia 02/07/2009, foi inaugura do em Sumaré o restaurante e choperia AKU ERAN. Os proprietários Edson Monteiro e Alm ir Araújo receberam amigos e convidados no coquetel de lançamento marcando sua préestréia. O restaurante fica na Av. Sete de Sete mbro, 593 no Centro da cidade, mais informações pelo telefone 19 3324-13 41.

CAIPIRA FASHION NETWORK 2009

Sucesso é a palavra que melhor define a festa Caipira Fashion da Network, nos dias 26 e 27 de junho, mais de 4.000 pessoas prestigiaram o evento, dentre elas autoridades municipais de Sumaré, Nova Odessa e Americana. O evento foi transmitido ao vivo pela internet. Alunos de todos os níveis participaram e deram verdadeiro show nas apresentações. Os professores estão de parabéns.Este evento beneficia muitas entidades assistências e também as comissões de formatura. Durante o evento ocorreu o lançamento do vestibular e concurso de bolsas da Network para 2010.

18

• TÍPICA


TÍPICA •

19


CAPA

EMPREENDEDORISMO MARCA

141 ANOS DE SUMARÉ Marcelo Pendezza

Fotos: Inove Studio e Eventos

Durante toda a sua história, a Cidade Orquídea foi marcada pelo desenvolvimento, pessoas e empresas que sempre acreditaram em seu potencial.

FAZENDA VOUGHAN:

Localizada em um dos principais pulmões verdes da cidade, a fazenda possui valor histórico, sendo um dos principais roteiros do turismo rural de Sumaré. 20

• TÍPICA


S

umaré, a segunda maior cidade da Região Me-

legislação brasileira, que impedia dois povoados de terem o

tropolitana de Campinas e uma das mais im-

mesmo nome (na época existia no Paraná uma cidade com

portantes do Estado de São Paulo, completa

o nome de Rebouças).

141 anos no dia 26 de julho de 2009. A Cidade

O nome da orquídea Sumaré foi escolhido oito

Orquídea vêm se consolidando, a cada dia, como um dos

anos antes da emancipação político administrativa. Sumaré

mais importantes centros industriais do Brasil, em ra-

ficara independente de Campinas em 1° de janeiro de 1953

zão da sua grande diversidade de empresas. Diante deste

e em 1954, na primeira eleição do município, o padre José

atual crescimento, se olharmos para trás, verificaremos

Giordano foi eleito prefeito. Ele tomou posse em 1955.

que entre os tempos, o empreendedorismo sempre foi

A partir da década de 1960, a cidade passou a

uma das marcas registradas de Sumaré. Em meados do

viver um intenso crescimento populacional. Em 1970,

século XVIII, surgia nesta região a Vila de São Carlos

ano que o Brasil se tornara tri campeão mundial de fu-

das Campinas, hoje Campinas. Ao redor foram se

tebol no México, a cidade possuía 23 mil habi-

formando as sesmarias, grandes porções de terras que o governo imperial concedia aos senhores que gozavam de prestígio com a monarquia. A data de fundação, 26 de julho de 1868, está vinculada diretamente na construção da capela dedicada à Nossa Senhora de Sant´Ana. Sete anos depois, em

tantes. Vinte anos depois, a cidade con-

Sumaré, a segunda maior cidade da Região Metropolitana de Campinas e uma das mais importantes do Estado de São Paulo, completa 141 anos no dia 26 de julho de 2009.

1875, o vilarejo já dava sinais de em-

tava com mais de 200 mil. Se hoje levasse em consideração a cidade de Hortolândia, uma vez que até 1991 a cidade era um distrito sumareense, a Cidade Orquídea chegaria a ter uma população estimada de aproximadamente meio milhão de pessoas. “Em especial, no fim da década de 1970

preendedorismo com a chegada da estra-

e a década de 1980, Sumaré era um dos

da de ferro e construção da Estação Ferroviá-

municípios brasileiros que mais crescia demo-

ria. O engenheiro responsável pela obra, Antonio Pereira

graficamente; uma cidade que cresceu muito rápido sem

de Rebouças Filho, foi homenageado e o vilarejo passou a

a devida atenção por parte do Poder Público. Com isso, a

ser conhecido e chamado de Rebouças. Em franco desen-

sua infraestrutura, comprometida. Hoje, o atual momen-

volvimento, em 1920, o povoado já contava com energia

to é de recuperar o tempo perdido e implantar as melho-

elétrica, posto policial, iluminação pública, cartório, es-

rias, em especial, em saneamento básico, tão necessárias

cola, serviço telefônico, subprefeitura e pronto socorro.

ao desenvolvimento e qualidade de vida”, explica o atual

O serviço de abastecimento de água foi inaugurado em

prefeito.

1934.

Um dos grandes desafios deste início de sécuA denominação Sumaré, nome de uma orquídea

lo XXI a serem superados é aumentar a oferta de água

originária desta região, se deu em 1945, por meio de um

tratada e expandir o serviço de coleta e tratamento de

plebiscito. A mudança de nome foi necessária em função da

esgotos. Neste sentido, a Prefeitura de Sumaré, em par-

TÍPICA •

21


ESTAÇÃO FERROVIÁRIA:

Principal porta de entrada do município no século XX, a ferrovia foi grande responsável pelo crescimento e desenvolvimento sumareense nos anos de ouro do café.

ceria com o Governo Federal, investirão até 2010 cerca

perdas. Para obras de rede e tratamento de esgoto es-

de R$ 76,2 milhões em obras de infraestrutura urbana.

tão sendo investidos mais R$ 43 milhões. Segundo dados

Deste valor, R$ 33 milhões estão sendo empregados em

da prefeitura, na Área Cura e Matão já foram concluídos

obras de melhoria no sistema de abastecimento de água,

mais de 40 quilômetros de rede coletora de esgoto e em

como a construção de três reservatórios, cada um com

breve as obras das Estações de Tratamento de Esgoto

capacidade para 2,5 milhões de litros; ampliação das duas

serão iniciadas. Até o fim de 2010, existem dados que

Estações de Tratamento de Água (Vila Miranda e Parque

favorecem o aumento do índice de tratamento de esgoto

Itália) e obras e manutenções na rede para combate as

de 14% para cerca de 70%.

22

• TÍPICA


SETE DE SETEMBRO:

Uma das mais tradicionais ruas de Sumaré, ela figura como o principal reduto do comércio. Mais de 300 lojas a disposição dos consumidores.

EMPRESAS ACREDITAM EM SUMARÉ Nos últimos dois anos, Sumaré foi apontada pelo jornal Gazeta Mercantil, um dos periódicos mais importantes do Brasil, como o município mais dinâmico do Estado de São Paulo. Este reconhecimento não foi por acaso. A partir de 2005, a cidade soube aproveitar como poucas o período de franco desenvolvimento econômico brasileiro e mundial. Em apenas dois anos, mais de 1000 novas empresas se instalaram na cidade. Novas agências bancárias abriram as portas. Cerca de 7 mil novos empregos foram gerados, contribuindo na fomentação de renda, movimentando mais intensamente a roda da economia. Mesmo agora diante de uma retomada do crescimento, após a forte crise financeira mundial, grandes empresas continuam acreditando e apostando no potencial de Sumaré. De acordo com o presidente do Pastifício Selmi, Ricardo Selmi, a empresa de gêneros alimentícios continuará a investir em sua fábrica radicada em Sumaré. “O Pastifício Selmi está em processo de expansão. Nos últimos anos foram realizados grandes investimentos para ampliação das fábricas para que possamos TÍPICA •

23


RODOVIA DOS BANDEIRANTES: A partir de 2002, cidade passa a contar com a rodovia, consolidando a posição estratégica do município no contexto regional e Estadual.

ingressar no mercado de biscoitos. Em paralelo a isso, es-

estratégica, pois temos fácil acesso às principais rodovias

tamos lançando o nosso azeite extra virgem, um azeite de

que ligam a capital e as demais cidades do Estado, além

alta qualidade produzido na região da Toscana, na Itália.

da proximidade do aeroporto, que facilita a exportação e a

Queremos aumentar ainda mais a força das marcas Renata

importação de produtos”, explicou o presidente.

e Galo para nos consolidarmos como uma grande indústria nacional de alimentos”, comentou Selmi. Para realizar esses investimentos, Ricardo Selmi

Apenas o Pastifício Selmi emprega 562 colaboradores e mais cerca de 200 funcionários de forma indireta. Deste total, cerca de 75% são moradores de Sumaré.

destacou a importância da localização estratégica do muni-

Recentemente, a cidade registrou a chegada das

cípio, dentro do plano de crescimento da empresa. “Hoje

empresas Saint-Gobain Vidros, ArcelorMittal Inox e, em

o Pastifício Selmi tem como principal mercado consumi-

breve, a Transportadora Atlas inaugurará seu mais novo e

dor o Estado de São Paulo. Sumaré fica numa localização

moderno centro de distribuição do Estado de São Paulo.

24

• TÍPICA


INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE SUMARÉ Fundação: 26 de julho de 1868 Vida político-administrativa: 1/05/1955 População: 231.574 (SEADE-2008) Área: 153,03 km² Altitude: 599 m Temperatura média anual: 20ºC Unidades de saúde:42 Hospital: 1 Agências bancárias: 21 Empresas: 5.716

ACESSO À INFRAESTRUTURA EM SUMARÉ ESGOTO TRATADO

14% RUAS URBANAS PAVIMENTADAS

97% ÁGUA ENCANADA

97,38% ILUMINAÇÃO PÚBLICA

95% ENERGIA ELÉTRICA

100% COLETA DE LIXO

98,97%

TÍPICA •

25


REPRESA DO MARCELO:

Revitalizada em 2006, o local passou a ser uma das principais atrações de lazer do município, sendo visitada semanalmente por famílias e pessoas que buscam qualidade de vida por meio do esporte em contato com a natureza.

DESTAQUES DE SUMARÉ • Município mais dinâmico do Estado de São Paulo por dois anos consecutivos 2006/2007 (Atlas do Mercado Brasileiro/jornal Gazeta Mercantil) • Um dos 25 melhores municípios para se investir (agosto de 2008/revista Pequenas Empresas, Grandes Negócios) • Segunda maior cidade e mercado consumidor da Região Metropolitana de Campinas (IBGE-2008)

26

• TÍPICA

• Maior terminal intermodal ferroviário de grãos da América Latina (LogiSpot) • Maior auditório da América Latina, com capacidade para 10 mil pessoas sentadas (Estância Árvore da Vida) • Uma das cidades paulistas que mais geram empregos (Caged-MTE) • Uma das cidades paulistas lideres em exportações (Ministério do Comércio Exterior)


50 ANOS SERVINDO SUMARÉ

entre outros. “O Lions Club está presente em 202 países. São 45 mil clubes e mais de 1,3 milhões de associados. Temos

No ano que Sumaré completa 141 anos, o Lions

inclusive uma cadeira no conselho das Nações Unidas. Em

Club, um dos mais importantes clubes de serviço do mun-

Sumaré, fizemos muitas atividades e ressaltamos que muito

do, completa 50 anos de Cidade Orquídea. O jubileu de

mais ainda está por vir”, comentou Pedroni, lembrando que o

ouro será comemorado no dia 27 de agosto.

Lions está contribuindo na construção da nova sede da Casa

De acordo com Valter Pedroni, associado do Lions

Abrigo do Hospital Dr. Leandro Franceschini e na realização

Club de Sumaré, ao longo dos 50 anos, o clube realizou mais

do projeto mais ambicioso do Lions Club de Sumaré, que

de uma centena de atividades em prol da comunidade su-

é a implantação do Lar dos Idosos, empreendimento com

mareense. Entre os feitos, destaca a construção de escola na

capacidade para 440 idosos, com toda infraetrutura de uma

Vila Vale, do Centro Comunitário do Planalto do Sol e cola-

cidade geriátrica, como ambulatório, farmácia, capela, salão

boração com as entidades assistenciais, como Associação de

de festas e área residencial. “O projeto está pronto e estamos

Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Pestalozzi, Pastoral

confiantes que em breve possamos executar com o apoio do

da Criança, Centro Criança Feliz, Instituto de Promoção do

Fundação Internacional do Lions Clube. Sem dúvida seria

Menor, Casa Abrigo do Hospital Dr. Leandro Franceschini,

uma unidade modelo no Brasil”, destacou Pedroni.

TÍPICA •

27


SAÚDE

Mantenha sua pele saudável no inverno Ela deve ser cuidada o ano inteiro e o uso do filtro solar pode prevenir o câncer de pele Cleyton A. Jacintho

O

inverno enfim chegou e nesta época, a pele tende a ser mais castigada pela variação térmica. Neste período, é muito comum a pele apresentar pontos de ressecamento, que podem provocar rachaduras e em alguns casos até sangramento. Portanto, devemos nos preocupar ainda mais com os cuidados, já que ela fica mais exposta e sensível. Um dos principais pontos em que devemos nos atentar é com a hidratação. Ela é feita de duas maneiras: internamente, que se dá quando o suor (composto por água e sais minerais) penetra as camadas da pele e chega até a epiderme; externamente, que é realizada quando aplicamos água na parte externa da pele, por meio de cosméticos e produtos farmacêuticos. No verão, as temperaturas elevadas fazem o corpo produzir mais suor, desta forma, o corpo leva água das camadas mais profundas para a epiderme – camada mais externa da pele -, o que a mantém sempre hidratada. No inverno, o suor diminui e o corpo perde esse tipo de hidratação, daí a importância do uso de hidratantes. 28

• TÍPICA

Mas para que o hidratante haja de maneira efetiva é necessário deixar a pele sempre limpa, porém deve-se sempre tomar cuidado para que a limpeza excessiva não elimine a camada de gordura da pele. Portanto, é bom evitar banhos quentes e demorados, já que exposição à água quente e aos sabonetes alcalinos podem provocar a remoção da camada lipoproteica - capa de proteção natural da pele - deixando-a ressecada. O rosto é a região do corpo que mais sofre com os efeitos do frio. Devemos lavar o rosto sempre com água fria ou morna. O uso de esponjas também não é indicado nessa área tão sensível. O ideal é usar uma loção ou gel de limpeza, com ação mais profunda. Com o clima frio e seco, os lábios tendem a racharem, mas não espere isto acontecer para então cuidar deles. Use protetor labial por várias vezes ao dia e não passe a língua sobre os lábios para molhá-los, isso só vai piorar o ressecamento. Para as mulheres ainda existe a opção dos batons com hidratantes. De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), outro problema que se agrava neste período


é a dermatite seborreica, cujos sintomas são: caspa; coceira no couro cabeludo; descamação nos supercílios, ouvidos ou nos cantos do nariz. É mais comum em pessoas com pele e cabelos oleosos, mas pode ser tratada com eficácia pelo dermatologista.

FILTRO SOLAR O ANO INTEIRO A maioria das pessoas não sabem, mas cerca de 80% da radiação ultravioleta que atinge a nossa pele durante a vida corresponde a exposição do dia-a-dia. Portanto, mesmo no inverno, o filtro solar deve ser usado todos os dias. Se há sol visível, ou não, ele é de extrema importância, seja no verão, no inverno, em qualquer época, a fim de evitar manchas, queimaduras, envelhecimento cutâneo precoce e o câncer de pele. Os especialistas da SBD afirmam que, a exposição prolongada ao sol, pode trazer diversos problemas à pele. Segundo pesquisas da entidade, os cuidados devem começar desde cedo, já que, se forem adotados desde a infância, os risco de desenvolver o câncer de pele pode ser reduzido em 85%. Segundo dados do Instituto Nacional de Cân-

Cerca de 80% da radiação ultravioleta que atinge a nossa pele durante a vida corresponde a exposição do dia-a-dia. Portanto, mesmo no inverno, o filtro solar deve ser usado todos os dias.

cer (INCA), o câncer de pele é o de maior incidência no Brasil, com cerca de 25% de todos os casos registrados. Ainda de acordo com o INCA, a estimativa de novos casos de câncer de pele não melanoma no Brasil em 2008, foi de 55.890 casos em homens e de 59.120 em mulheres. O câncer da pele é causado por células da pele que sofrem transformação e multiplicam-se de maneira desordenada e anormal, originando um novo tecido (neoplasia). Aproximadamente 90% das lesões aparecem em regiões da pele em que ficam expostas ao sol, daí a importância do uso do filtro solar. Existem três tipos de câncer de pele: o melanoma, o carcinoma espinocelular e o carcinoma basocelular. Este último é mais comum, com cerca de 70% dos casos, mas por sorte também o menos agressivo. É importante lembrar que esse tipo de câncer, quando diagnosticado precocemente, é possível preveni-lo e curá-lo.


GASTRONOMIA

Inverno regado a um bom vinho

Segundo estudos recentes, a bebida também faz muito bem a saúde e previne doenças Silmara Soares

N

esta época de frio, nada melhor do que aquecer as noites com uma garrafa de vinho naquele jantarzinho romântico. É justamente no inverno que o consumo de vinho aumenta, mas quem gosta da bebida, a aprecia em qualquer estação. E para quem adora vinho, boas notícias não faltam. Conhecido como “néctar dos Deuses” ele já é indicado em diversas dietas para auxiliar a manter a saúde e prevenir doenças. Descoberta recente aponta que o vinho que têm mais propriedades benéficas é o produzido com a uva Tannat. Pesquisas atestam que ele rejuvenesce e ainda faz bem ao coração. De acordo com informações do Conselho Nacional de Nutricionistas, o vinho, de modo geral, é um poderoso antioxidante, ou seja, o vinho inibe a ação dos radicais livres, causadores da aterosclerose, envelhecimento, câncer, dentre outros males e reduz o risco de doenças cardíacas, os níveis do colesterol LDL (colesterol ruim) e aumenta o HDL (colesterol bom). O consumo moderado equivale a, no máximo, duas taças de vinho por dia. A produção de vinho no Brasil está relacionada à chegada da imigração italiana, que trouxe seus hábitos e cultura a várias regiões do país. A melhor uva no preparo da bebida, em nosso país, é a Merlô.

SABORES O que define os sabores do vinho são as diferentes qualidades da uva, além do local onde é plantada. “Apesar disto, lembro sempre que o bom vinho é aquele que satisfaz o paladar de quem bebe”, diz o empresário Leonardo Pavesi. Na região de Campinas, um bom local para encontrar diversos tipos da bebida é a Expand Store. Há seis anos no mercado, a loja é especializada em vinhos tinto, branco e rose; suaves e secos; espumantes; champanhe e frisante de todas as nacionalidades e gostos. São mais de 1500 diferentes rótulos a disposição da clientela, cujos preços variam de R$ 13,90 a R$ 5 mil. Um dos segredos para se apreciar um bom vinho, segundo Pavesi, está relacionado a temperatura certa que ele seja consumido. “O branco deve ser degustado entre 6º e 9º, o tinto entre 13º e 17º, lembrando que o rose, espumantes, frisantes e champanhe seguem a mesma linha do vinho branco. O vinho não pode ser consumido muito gelado porque isto interfere na papila gustativa, deixando-a anestesiada, não permitindo que a gente sinta o sabor real da bebida”, destaca. Ele ainda enumera outras explicações para quem 30

• TÍPICA

quer iniciar o aprendizado sobre o mundo dos vinhos. “A maneira certa de conservar o vinho é deitado, pois o líquido entra em contato com a rolha, não permitindo a entrada de ar, evitando a contaminação. Em casa, a dica é colocá-lo em um suporte de madeira, para que fique na posição correta”, disse. Para acompanhar os vinhos, as sugestões de enólogos são: queijos, patês, pães, frios, conservas, peixe e carne vermelha, caldos, fondue salgado ou de frutas, massas e saladas. Nestes casos, Pavesi conta que a melhor combinação entre vinhos e alimentos está no paladar de cada um, mas recomenda também que a pessoa interessada em comprar um vinho deve procurar uma loja especializada, com profissionais qualificados que entenderão a necessidade de cada cliente. Para quem aprecia uma ótima degustação de vinhos, Pavesi conta que suas lojas promovem este tipo de atividade, assim como em restaurantes parceiros. “O consumo de vinho vem crescendo a cada dia e aos poucos vem deixando de ser um produto elitizado. O consumo vem se popularizando, assim como os benefícios que o vinho trás junto a sua sofisticação e bom gosto”, comentou Pavesi. Em Campinas, a Expand Store fica localizada em dois endereços: no Cambuí, rua Maria Monteiro, 59, telefone (19) 3252-8893 e no Shopping Iguatemi.


MOVIMENTO

Musculação no inverno ajuda a perder peso Além de queimar calorias, ela ainda traz disposição e qualidade de vida Cleyton A. Jacintho

T

odos os anos a história se repete: no verão as pessoas correm para as academias a fim de entrar em forma e ficar com o corpo que aquela estação do ano pede. Porém, no inverno, o abandono das academias é simplesmente inevitável. Quem não pensa duas vezes antes de sair debaixo daquele edredom quentinho? Como o corpo não fica à mostra durante o frio, as pessoas não se preocupam muito e se sentem tranquilas para deixar os exercícios de lado. Aliada a isto, ainda existe o aumento na ingestão de alimentos mais gordurosos, que são difíceis de resistir. E o resultado: o ganho daqueles quilos indesejáveis. No inverno, as academias chegam a ter a frequência reduzida em até 40%. As baixas temperaturas registradas, afastam as pessoas da prática esportiva. No entanto, o clima mais frio faz o metabolismo acelerar na produção de calor, resultando na queima de calorias e energia. Isto significa que esta é a época em que existe maior facilidade de perder peso. Portanto, o frio não é motivo para deixar as atividades físicas de lado, ao contrário, é o melhor período para fazê-las. A academia Oásis Fitness, de Sumaré, tem estimulado os alunos a freqüentar a academia mesmo neste clima tão gelado. “A maneira de trabalhar dos nossos professores é um diferencial por aqui. Eles montam um treino específico para cada pessoa, que dura no máximo um mês e meio. Procuramos acompanhar o aluno de perto. Desta forma, ele se sente mais valorizado e estimulado a continuar com os treinos”, explica o Professor de Educação Física e Coordenador da Oásis, Francisco Alves dos Santos. A bancária Gislaine do Carmo Corte, 27, procurou a academia, a princípio, em busca da qualidade de vida. Ela conta que seus hábitos alimentares mudaram e sua disposição para trabalhar e estudar, aumentaram muito. “O que me estimula são

os resultados, primeiro na saúde, depois a parte estética; aquilo vai te animando a continuar, mesmo no frio”, relata. Segundo Francisco, outro fator importante na manutenção dos alunos na academia, é a mudança do público. Hoje existe uma parcela significante de pessoas acima de 40 anos frequentando a Oásis. “O adolescente e o jovem, de maneira geral, visa apenas a estética, pelo menos uma parte deles. Já os mais velhos buscam qualidade de vida. E a tendência deste aluno é se manter nos treinos por um período maior. Nós temos alunas que estão com a gente há mais de dois anos; é um público fiel”, ressalta. O empresário carioca Orlando Gonzaga Junior, 60, chegou em Sumaré há menos de um ano. Ele já praticava musculação há algum tempo e escolheu a Oásis para continuar seus treinamentos.“ Apesar do frio, a academia é aquele descarrego para eu acordar cedo, recarregar as energias e ir para o trabalho”, conta. De acordo com Francisco, a modalidade mais indicada no inverno é a musculação. Apesar de o senso comum achar que musculação é somente para homens, cujo objetivo é ganhar músculos, ela traz muitos benefícios aos homens e mulheres de todas as idades. Hoje em dia ela é aplicada com objetivos distintos e específicos, tais como, aumento de força e de massa muscular, diminuição do peso corporal e percentual de gordura, melhora do condicionamento físico, além disso pode ser realizada por adolescentes, idosos, por pessoas que necessitam de atenção especial, como, portadores de distúrbios no coração, diabéticos, hipertensos, deficientes físicos, indivíduos em fase de recuperação de lesões e em quadro pós-operatório. Mas sempre indicada por um médico e acompanhada de profissional de educação física.

TÍPICA •

31


Fotos: Divulgação

EVENTOS

Cultura Japonesa

presente em Sumaré Festa comemora a imigração japonesa no Brasil mantendo viva a cultura e tradições orientais Silmara Soares

O

Estado de São Paulo não tem apenas a maior comunidade japonesa do Brasil. Ele é responsável também por abrigar símbolos grandiosos ou curiosos que representam a forte presença nipônica, como o bairro da Liberdade, em São Paulo; um templo budista, como o da cidade de Suzano; uma plantação de cerejeira, igual a de Campos do Jordão ou simplesmente uma fonte qualquer ao redor de um jardim. A influência da cultura no Brasil também já é sentida pela população de Sumaré: na culinária, com o aumento de restaurantes que oferecem pratos orientais; pelas ruas da cidade, homenagens as famílias e por cediar uma das maiores empresas multinacionais japonesas em solo brasileiro – HONDA Automóveis. Na cidade, também se comemora todo ano, sempre no mês de junho, a Semana Cultural Japonesa, que faz parte do calendário oficial do município, lembrando a imigração japonesa no Brasil, marcada pela chegada do Kasato Maru, no porto de Santos. A festa é organizada pela Associação Nipo Sumaré, desde 2008, com direito a decoração branca e vermelha – cores da bandeira do Japão; comidas típicas variadas e muita música e danças para alegrar o ambiente. São destaques da decoração da Associação, nos dias de festa, os origamis feitos com dobradura de papel em formato de animais, flores, pássaros, entre outras figuras. 32

• TÍPICA

Manter e resgatar a cultura e tradições japonesas é o principal objetivo da Semana Cultural. “Nós da associação trabalhamos muito para que nossas tradições não sejam esquecidas e sejam repassadas aos mais jovens. Desde que a associação foi criada, em 1991, a gente vem realizando encontros, festas e bingos para conservarmos viva nossa cultura no Brasil”, afirma a descendente de japonês e vicepresidente da Associação Nipo Sumaré, Maria Conceição Muniz Suguihara, conhecida como Tuca. Nesse ano, o evento contou com muitas atrações, com destaque para a culinária oriental: sushi, sashimi, yakissoba, tempurá, mandiu, dorayaki, harumaki, saquê, doces japoneses e outras delícias foram degustadas não só por descentendes japoneses, bem como apreciadores dessa rica cultura. No palco, apresentações de karaokê; a dança Bon Odori – dança tradicional japonesa em homenagem aos espíritos, significa dança dos mortos ou dança dos finados - e o Taikô fizeram parte da programação e tiraram aplausos do público presente. Para a apresentação do Taikô, o evento contou com a participação da Associação Okinawa de Campinas. Formada por jovens e crianças, os 21 integrantes do grupo mostraram um pouco da tradição milenar japonesa do ritmo marcado por batidas fortes e sincronizadas dos tambores. O instrumento, que já foi utilizado em cerimônias re-


ligiosas e no anúncio das guerras e intimidação dos adversários, hoje divulga a música tradicional japonesa para o mundo. “O taikô alegra o ambiente de uma festa. É uma tradição nas Semana Cultural organizada pela Associação Nipo de Sumaré. Percebemos que o ritmo impressiona muito os visitantes”, ressalta Tuca. Os visitantes também puderam apreciar e comprar peças artesanais japonesas, como origamis, quimonos, enfeites de louças e até mesmo o gatinho da sorte. Uma exposição de orquídeas enfeitou o ambiente.

IMIGRAÇÃO JAPONESA A imigração japonesa no Brasil tem como marco inicial a chegada do navio Kasato Maru, em Santos, no dia 18 de junho de 1908. Do porto de Kobe, a embarcação trouxe, numa viagem de 52 dias, os 781 primeiros imigrantes vinculados ao acordo imigratório estabelecido entre Brasil e Japão, além de 12 passageiros independentes. Recém-chegados a um país de idioma, costumes, clima e tradição completamente diferentes, os imigrantes pioneiros trouxeram consigo esperança e sonhos de prosperidade.

ASSOCIAÇÃO Além dos encontros e festividades realizadas pela Associação Nipo de Sumaré, durante o ano todo, a sede oferece aulas de dança (quartas-feiras a partir das 14 horas); aulas de japonês (sábados das 15 às 17 horas) e um campo para treinar e jogar mallet golf. De acordo com a vice-presidente, Tuca, a associação desenvolve outros projetos voltados à preservação ao meio ambiente (com o plantio de árvores da espécie nativa); reciclam materiais, entre outras atividades. A associação tem outra responsabilidade social, com a Ong Viralatinhas de Sumaré, que fazem campanhas de castração em cães e gatos. A Nipo de Sumaré também recebe doações. Os interessados podem entrar em contato pelo telefone: (19) 9708-0388 ou e-mail: niposumare@vivax.com.br.


Fotos: Divulgação

PERSONALIDADES

A música do Rancho no coração sumareense Veja quem levou mais uma vez o nome de Sumaré para todo o Brasil Andréia Dorta

S

egundo o amigo Aurélio (o dicionário), a palavra amizade significa: sentimento fiel de afeição, simpatia ou ternura entre pessoas que geralmente não são ligadas por laços de família; estima ou camaradagem entre grupos ou entidades; entendimento, fraternidade; bondade. Tantos importantes significados, que colocados em prática e derramados na assadeira da vida, provocam o que aconteceu com Robson Cardoso (38), Rodrigo Padovani (32), Renan Saretti (22), Deny Cardoso (34) e Igor Saretti (27): uma doce e verdadeira amizade. Os cinco cresceram juntos desde a infância, na época em que os pais cantavam pela noite sumareense em alguns lugares como o Clube Recreativo e o antigo Chalé. A afinidade entre o grupo transcorreu tão bem durante esse tempo de convivência e pura harmonia, que mesmo sem planejarem, montaram a Banda dos Amigos, hoje conhecida como Rancho Universitário. “Na verdade a coisa aconteceu. Não tivemos um planejamento: vamos montar a banda”, confessa o extrovertido Renan, que canta e toca violão. Ele declara que tudo começou numa feijoada na casa do irmão. Foi nesse dia (um levou violão, outro guitarra e outro bateria), com a família e amigos reunidos, que acabaram tocando algumas músi34

• TÍPICA

cas como sempre fizeram em churrascos e festas da família. “Tinha umas 150 pessoas e a galera gostou. No final deram o maior incentivo para montarmos uma banda, mas não havia lugar fixo para tocar, coisa e tal. Então a gente resolveu esperar”, afirma. Mal sabiam que, pouco tempo depois, viria o convite à mudança do destino daqueles garotos. Precisamente em Maio de 2007, num Domingo como os outros, estavam todos no Tito´s Bar, quando alguns amigos do grupo pediram que dessem uma “canja” das músicas que tocavam e não deu outra: ao final da apresentação, o amigo de longa data Márcio, proprietário do Tito´s, fez o convite para que tocassem todas as terças-feiras. “Foi aí que tudo começou. Deu tão certo que acabou tomando novas proporções, com convites até para outros lugares em Campinas e região”, complementa Renan. Os admiradores cresceram ao longo dessa curta e importante trajetória oficial, com pouco mais de dois anos. Com repertório e composições dos próprios integrantes, o grupo alavancou dia após dia sua carreira, mas o sucesso veio principalmente após a primeira exibição nacional no quadro Garagem do Faustão, com o vídeo da música “Tem Alguém”. O vocalista e baixista Deny admite que a partir desse dia as coisas mudaram para melhor no grupo. “Pra gente foi


DENY

RENAN

IGOR

a coisa mais importante na vida do Rancho. Do dia para a noite bombou o site; as músicas no you tube; o telefone não parou de tocar; contratação para novos shows. As pessoas acreditavam em nosso potencial, mas ter ficado em primeiro lugar na opinião do público naquele Domingão do Faustão (10 de maio de 2009) fortaleceu a nossa marca”, declara. Para o futuro, a banda é pé no chão. O projeto em andamento é aproveitar a oportunidade de estar na mídia nacional e finalizar o CD da Banda para colocação no mercado musical. A intenção é gravar as próprias músicas e apenas três regravações sertanejas conhecidas. “Temos a música, mas não temos o produto no mercado. Então, muito em breve, estaremos com nosso CD a venda”, afirma Deny. Segundo o grupo, o projeto já está praticamente pronto, faltando apenas os ajustes dos arranjos e colocação de vozes. Outra etapa em andamento

ROB

RODRIGO

é programar a visita até o Programa Raul Gil, sendo essa a provável segunda aparição nacional, pois a primeira ocorreu no Faustão. E por falar em planos, a vida familiar anda com o crescimento da banda. Para ter uma idéia, o trabalho é todo em família: as esposas também têm seu papel na produção e acompanhamento da banda. E para comprovar que o trabalho em família dá certo, aí vai um pequeno e importante detalhe: Renan e Igor são os irmãos Saretti e Robson e Deny são os irmãos Cardoso. Deny afirma que são cinco cabeças diferentes, que pensam cada uma de um jeito, mas no final dá tudo certo. Então, descoberto o segredo do sucesso. E para contratar a Banda Rancho Universitário, acesse o site www.ranchouniversitario.com.br ou pelo telefone (19) 3306.7130.


HORÓSCOPO

Previsões astrológicas para Julho e Agosto de 2009 por Magda de Mariolani

`

GÊMEOS 21/05 a 20/06

b

LEÃO 22/07 a 22/08

d

LIBRA 23/09 a 22/10

f

SAGITÁRIO 22/11 a 21/12

h

AQUÁRIO 21/01 a 19/02

Quer trocar idéias, mas evite falar demais no trabalho ou junto a subordinados. Nesse período aprende a arte de trabalhar com grupos. Reavalia seus afetos e sente que precisa separar os verdadeiros amigos daqueles que só lhe prometem enganos. Vida agitada, evite o stress no trânsito.

Quer liberdade e novos horizontes na vida, mais ambicioso(a) no trabalho, atrai parcerias e curte romance. Sente como é difícil lidar com a mente rígida das pessoas que tentam barrar alguns projetos. Aprendizado: livrar-se da futilidade e da opressão na vida afetiva.

Começa o período com baixa vitalidade, cuide-se, procure se energizar junto à natureza. Tenha cautela com as finanças, evite esbanjar com amigos, ou vida social. Tem propostas de parceria, mas seja seletiva (o). Aprendizado: Como lidar com grupos e amizades.

Seu espírito quer crescer, viajar, entrar em contato com outras culturas ou cidades, pode ser que se interesse por política, filosofia, cursos de especialização, universidades, congressos, mídia ou marketing. Aprendizado: Arrumar um espaço na realidade para os grandes projetos.

Bastante intuitiva(o), capta um lado oculto das pessoas e situações. Atrai gente à sua volta, quer fazer acordos, mas sem se anular por circunstâncias adversas ou figuras de autoridade. Aprendizado: Achar o equilíbrio, a justa parte de cada um numa relação seja ela pessoal ou profissional.

A vitalidade está baixa, mas se mantém ocupada (o), além disso, a popularidade está em alta, por alguma razão ocupa o centro das atenções. Seja justa (o) com aqueles que ama. Tenha cautela com as finanças. Aprendizado: Ter felicidade e respeito ao colocar sua criação no mundo.

_ a c e g i

TOURO 21/04 a 20/05 Quer mais equilíbrio na vida financeira e atividades na área de comunicações viagens, cursos, outros países, terapia ou artes podem estimular as rendas, mas tenha cautela com os gastos, evite misturar amizade com negócios. Aprendizado: lidar com o poder e figuras de autoridade.

CANCÊR 21/06 a 21/07 A vitalidade pode baixar, cuide da alimentação e repouso. Inicia a fase sensível, emotiva (mais ainda?) atrai pessoas em crise que vem lhe contar problemas, mas deve se precaver contra os vampiros. Mediúnica (o), capta as vibrações à sua volta, evite locais com energia negativa.

VIRGEM 23/08 a 22/09 Começa o período ambiciosa (o), quer mais autonomia no trabalho. Há certa luta e melhoria profissional, pode se envolver com comunicações, viagem, universidade, etc. Seja seletiva(o) nas propostas de parceria e evite firmar acordos às pressas. Em agosto, busque alguns momentos de sossego.

ESCORPIÃO 23/10 a 21/11 Mais profunda (o) e investigativa (o) do que nunca! Está mediúnica (o), capta segredos, coisas ocultas, as vibrações de pessoas e locais, por isso é bom evitar trajetos perigosos e energias negativas. Nos relacionamentos, mais intensa(o) e sensual, atrai pessoas radicais.

CAPRICÓRNIO 22/12 a 20/01 Você pode gostar muito de atividade, mas a vitalidade anda meio baixa, cuide da alimentação e algumas horas de sono. O momento é bom para desenvolver hábitos saudáveis, alongamento, caminhadas e evitar exercícios que só machucam o corpo. Pode se interessar por moda, máquinas ou animais.

PEIXES 20/02 a 20/03 Volta-se para questões relativas à vida doméstica, família ou imóveis. Em agosto pode sentir certa falta de vitalidade, está mais sensível, busque por boas energias e evite o stress no trabalho ou no trânsito. Aprendizado: Encontrar sua família cósmica, o lugar de onde você realmente veio.

Astróloga Mágda de Mariolani

Site com horóscopo, astrologia, vidas anteriores, e muito mais www.astrologianaweb.com.br Contato: magda_mariolani@terra.com.br • (19)3287.5199 36

• TÍPICA

Armazém da Foto

^

ÁRIES 21/03 a 20/04


TÍPICA •

37


ARTIGO

SUMARÉ, ONTEM, HOJE E SEMPRE Eduardo Gigo

Empresário

M

ês de julho é o mês de aniversário de Sumaré. Neste ano de 2009, a nossa Cidade Orquídea completa 141 anos. Sou filho da terra e pude presenciar muitas transformações. Em 1968, lembro como se fosse hoje. Era a festa do centenário. Durante todo o mês, houve uma série de atividades. Foi um momento marcante na história. Um dos fatos mais interessantes foi a realização de uma grande feira, onde empresas e comerciantes participaram em peso. A feira foi realizada na área onde iria se instalar a Gifran, hoje, o espaço, abriga a loja de materiais de construção Center Líder. Em 1968, Sumaré já tinha o perfil empreendedor e muita gente veio e continua a buscar à nossa Cidade Orquídea para abrir seu comércio, sua indústria. O nosso município é abençoado neste sentido. Estamos situados em uma região extremamente estratégica. A cidade conta com as duas principais rodovias do Estado de São Paulo, a Anhanguera e a Bandeirantes. Estamos próximos da rodovia Dom Pedro I, principal rota para o Sul de Minas Gerais e contamos com o Aeroporto Internacional de Viracopos. Atrativos mais que suficientes para motivar investimentos de grandes empresas. Por falar em grandes empresas, gostaria de parabenizar o meu amigo, o presidente do Pastifício Selmi, Ricardo Selmi, pela coragem e espírito empreendedor. Com

os investimentos que tenho visto, o Pastifício Selmi já se coloca como uma das maiores empresas do gênero alimentício do Brasil e do mundo. Outro bom exemplo é a Flyer, empresa que constrói aviões de pequeno porte. Comandada pelo meu amigo Nelson Gonçalves, a Flyer é referência no Brasil e, a cada dia, vem elevando o nome de Sumaré nos quatro cantos do nosso país. Outro empreendimento, relativamente novo em nossa cidade e que vejo com grande potencial de crescimento é a Faculdade Anhanguera. Estive recentemente conhecendo a sua estrutura e fiquei boquiaberto. Realmente uma infraestrutura educacional de primeiro mundo. Além disso, outra coisa me chamou a atenção. A Faculdade Anhanguera concede 500 vagas gratuitamente para o seu curso de iniciação, que é realizado aos sábados. Este curso, pelo que pude acompanhar, tem por objetivo dar oportunidade aos jovens, em especial, para a conquista do primeiro emprego. Um trabalho de tirar o chapéu. Por falar em primeiro emprego, em 2007, o presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva esteve na inauguração da Dell Computadores em Hortolândia. Fiz questão de participar da atividade e pude entregar nas mãos do presidente uma carta. Nela pedi encarecidamente que Lula olhasse para os nossos meninos que precisam trabalhar, mas que face a legislação, ficam impedidos. Muitos jovens, a partir de 16 anos, poderiam trabalhar meio período. Além de aprenderem um ofício, sem dúvida teriam um papel importante no complemento da renda familiar. Em Sumaré, por meio do Good Bom, contribuímos com o Instituto de Promoção do Menor, entidade que faz um belo trabalho educacional com os jovens para inserir no mercado de trabalho por meio do programa Primeiro Emprego. Aqui damos um importante primeiro passo e que acredito que este poderia ser ampliado com a valorosa colaboração do Governo Federal, deputados e senadores, com a mudança da legislação. Fica aqui registrado a minha humilde sugestão. Por todas as conquistas, acredito que Sumaré continuará tendo um grande potencial de crescimento e desenvolvimento num futuro promissor.

38

• TÍPICA


TÍPICA •

39


Revista Típica - Edição 07  

A Revista Típica é uma publicação da Editora Seta Regional e têm como objetivo levar a seus leitores, entretenimento, tendências, atualidade...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you