Issuu on Google+

Julho/Agosto 2012 | Nº 198

Empresário dobra faturamento com planejamento e capacitação | 12 e 13

Brasil é um dos três países com maior número de empreendedores no mundo | 20 Estão abertas as inscrições para Prêmio Sebrae Mulher de Negócios | 22


sumário |

Empreendedores falam sobre a atuação do Sebrae

8

Empresas da área de saúde recebem capacitação na gestão de negócios

Superintendente do Sebrae recebe título de cidadão de Salvador

15

Produtores de cacau negociam com chocolatiers no Salon Du Chocolat

17

16

endereços ÚTEIS

expediente |

Receita Federal – Delegacia da Receita Federal em Salvador | Rua Alceu Amoroso Lima, nº 862, 9º andar, Caminho das Árvores / Tel (71) 3416-1301 / Segunda a sexta, das 7h às 18h / www.receita.fazenda.gov.br Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia – SEFAZ | Av. Juracy Magalhães, nº 1790, Rio Vermelho, CEP 41745-003 / Tel (71) 3358-0959 0800-710071 / Segunda a sexta, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h / www.sefaz.ba.gov.br Secretaria Municipal da Fazenda | Rua das Vassouras, nº 1, Centro, Salvador/BA, CEP 40020-020 / Tel (71) 2101-8234 / www.sefaz.salvador.ba.gov.br Junta Comercial do Estado da Bahia – JUCEB | Rua Miguel Calmon, nº 28, Comércio, Salvador/BA, CEP 40015-010 / Tel (71) 3326-8080 / Segunda a sexta das 9h às 16h / www.juceb.ba.gov.br Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município – SUCOM | Av. Antônio Carlos Magalhães, nº 3244, Iguatemi - Edf. Empresarial Thomé de Souza – Salvador/BA / Tel (71) 2201-6900 / www.sucom.ba.gov.br Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado da Bahia – Sebrae | Rua Horácio César, nº 64, Dois de Julho, Salvador/BA, CEP 40060-350 / PABX (71) 3320-4300 / www.ba.sebrae.com.br Cartórios de Registro de Títulos e Documentos e de Registro Civil das Pessoas Jurídicas 1º Ofício – Rua Arquimedes Gonçalves, nº 02, Jardim Baiano, Salvador/BA / Tel (71) 3322-5092 / 8h30 às 12h e 13h30 às 18h 2º Ofício – Rua Conselheiro Dantas, nº 22/24, Edf. Bradesco, 7º andar, salas 705 e 706, Comércio, Salvador/BA / Tel (71) 3241-0612 / 8h30 às 18h Registro de Empresas O registro das empresas comerciais, exceto Sociedade Simples, poderá ser feito no SAC Empresarial – Salvador / Multishop Boca do Rio | Av. Otávio Mangabeira, s/ nº, Boca do Rio, Salvador/BA / Tel (71) 3281-4141 (Administração) e 3281-4142 (Sebrae)

Publicação filiada à Aberje


ago/set 2012

agendaCURSOS Programação / Agosto 2012 Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 CURSO

PERÍODO

HORÁRIO

OFICINA

PERÍODO

HORÁRIO

PALESTRAS

PERÍODO

HORÁRIO

PROGRAMA PRÓPRIO

PERÍODO

HORÁRIO

CURSO

PERÍODO

HORÁRIO

OFICINA

PERÍODO

HORÁRIO

PALESTRAS

PERÍODO

HORÁRIO

PROGRAMA PRÓPRIO

PERÍODO

Treinamento Gerencial Básico 06/08 a 10/08 18h30 às 21h30 Formação de Preços 06/08 a 10/08 18h30 às 21h30 Gestão de Estoque 13/08 a 17/08 18h30 às 21h30 Análise e Planejamento Financeiro 13/08 a 17/08 14h às 17h Gestão de Pessoas 13/08 a 17/08 14h às 17h - Oficinas Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Oficina de Crédito EI 01/08 18h às 22h Associação Comercial da Bahia – Praça Conde dos Arcos, S/N Comércio Salvador/BA. CEP: 40.015-120. Informações e Inscrições: 0800 570 080 Oficina de Crédito MPE 02/08 18h às 22h - Palestras Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800

Confira a entrevista com o Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal em Salvador, 18/19 Luiz Antonio de Souza

Internet para pequenos Negócios 22/08 14h às 16h - Programa Próprio Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Palestra Portas Abertas 01/08 14h às 16h Palestra Portas Abertas 06/08 14h às 16h Módulo I – Despertando o Empresário 15/08 13h30 às 17h30 Módulo II – Coletando Informações 16/08 13h30 às 17h30 Módulo III – Conhecendo o seu Negócio 30/08 13h30 às 17h30 Programação / Setembro 2012 Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador-BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Treinamento Gerencial Básico 10/09 a 14/09 18h30 às 21h30 Formação de Preços 10/09 a 14/09 18h30 às 21h30 Atendimento ao Cliente 17/09 a 21/09 08h30 às 11h30 Gestão de Pessoas 17/09 a 21/09 18h30 às 21h30 Gestão de Estoque 17/09 a 21/09 18h30 às 21h30 Internet para pequenos Negócios 17/09 a 21/09 18h30 às 21h30 Aprender a Empreender – Garantir o Sucesso 24/09 a 28/09 18h30 às 21h30 - Oficinas Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Oficina de Crédito EI 03/09 18h às 22h Associação Comercial da Bahia – Praça Conde dos Arcos, S/N Comércio - Salvador/BA. CEP: 40.015-120. Informações e Inscrições: 0800 570 080 Oficina de Crédito MPE 04/09 18h às 22h - Palestras Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Entendendo Custos, Despesas e Receitas 13/09 10h às 12h - Programa Próprio Central de Treinamento – Av. Sete de Setembro, 261 – MERCÊS, Salvador/BA. Informações e Inscrições: 0800 570 0800 Palestra Portas Abertas Palestra Portas Abertas Módulo I – Despertando o Empresário Módulo II – Coletando Informações Módulo III – Conhecendo o seu Negócio

Projeto torna ações do Sebrae Bahia transparentes e públicas

Publicação do Sebrae/Ba para o Empreendedor Baiano, nº 198, Julho / Agosto de 2012 Presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Bahia

João Martins da Silva Júnior Diretor-Superintendente

Edival Passos Souza Diretores

Lauro Alberto Chaves Ramos e Luiz Henrique Mendonça Barreto Coordenação da Unidade de Marketing e Comunicação

Cássia Montenegro DRT 1052 Edição

Carla Fonseca e Fábio Vasconcelos

Informações e Pré-Inscrições no site: http://educacao.sebrae.com.br

21

Carla Fonseca, Carlos Baumgarten, Cristhiane Castro, Fábio Vasconcelos, Fátima Emediato, Jeremias Macário, Juliana Souza, Laiana Menezes, Maria Clara Lima, Maurício Maron, Renata Smith, Nara Zanelli, Silvia Silva, Tamara Leal e Verena Santana Revisão

Marta Erhardt e Carlos Baumgarten Marketing

Alice Vargas, Mauro Viana, Priscila Mafra, Rafael Pastori e Vanessa Câmera Estagiários

Ceres Martins e João Aguiar Neto Gilberto Silva

HORÁRIO

14h às 16h 14h às 16h 13h30 às 17h30 13h30 às 17h30 13h30 às 17h30

Blog do Empretec http://empretec.sebrae.com.br

Reportagens

Foto de Capa

03/09 10/09 12/09 13/09 27/09

programação mensal no nosso site: De segunda a sexta, das 8h às 20h / www.ba.sebrae.br 0800 570 0800 Pelourinho: (71) 3320-9624 | (71) 3320-9607 | Fax: (71) 3320-9620 Itapagipe/Outlet Center: (71) 3312-0151 | (71) 3310-5253 | Fax: (71) 3312-0170 Liberdade: (71) 3242-6613 | (71) 3242-7303 | (71) 3243-6517 | Fax: (71) 3243-6517

Projeto e Editoração Gráfica

Autor Visual Design Gráfico Telefax: (71) 3232-2722

Tiragem

15.000 exemplares

E-mail

comunicacao.sebrae@ba.sebrae.com.br

Cartas

Unidade de Marketing e Comunicação Rua Horácio Cézar, nº 64, Bairro Dois de Julho, Salvador-BA CEP: 40060-350

Telefones

(71) 3320-4558 / (71) 3320-4367

Fax

(71) 3320-4496

Agência Sebrae de Notícias

www.ba.agenciasebrae.com.br


Inovação |

Oficinas

Empresa de pintura inova para abrir franquia Empresários de Lauro de Freitas participam de oficinas do 1º Workshop de Inovação da cidade

A

visão inovadora de Augusto Alagia já se detecta

o processo de gestão. A Capitão Pintura, que atua com

logo no nome da empresa: Capitão Pintura. “É

pinturas residenciais, prediais e até de plataformas de

uma alusão a heróis de desenhos animados e

petróleo, possui 20 pintores, além de desenvolver ações

ficou tão forte que as pessoas nem lembram mais meu

como o Certificado Capitão Pintura e até a Universidade

nome e só me chamam de Capitão”, conta o diretor da

Capitão Pintura. “Nosso projeto é abrir uma franquia,

empresa. Ele foi um dos cerca de

mas, para isso, sabemos que é

100 empresários que participaram

fundamental investir em inovação”,

das oficinas do 1º Workshop de Inovação de Lauro de Freitas, que aconteceu no mês de julho, na União Metropolitana de Educação e Cultura (Unime). O objetivo principal foi apresentar aos empresários de Lauro de Freitas os benefícios da inovação nas empresas e a relevância em todo

“Para se tornar mais competitiva no mercado nacional e até internacional, a empresa precisa fazer algo diferente no dia a dia, no processo de gestão, no tratamento com o cliente” Foto: Luane Santos

afirma Alagia. A coordenadora da Unidade de Acesso a Inovação e Tecnologia do Sebrae, Márcia Suede, destaca que a inovação deve ser vista como um fator de competitividade. “Para se tornar mais competitiva no mercado nacional e até internacional, a empresa precisa fazer algo diferente

no dia a dia, no processo de gestão, no tratamento com o cliente. É preciso se movimentar”, analisa. Durante as oficinas, os empresários conheceram as ferramentas e soluções que o Sebrae disponibiliza para desenvolverem melhor a inovação nos negócios. A prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, considera a parceria com o Sebrae fundamental para estimular e desenvolver as micro e pequenas empresas do município. A gestora do Ponto de Atendimento do Sebrae em Lauro de Freitas, Gilvany Isaac, desmitificou uma ideia equivocada sobre inovação. “Diferente do que se imagina, a inovação é algo que deve ser desenvolvido, principalmente, pelas micro e pequenas empresas, onde é preciso fazer sempre mais com menos recursos”, explicou. Durante o workshop, os participantes também assistiram à palestra “Inovação e Empreendedorismo Sustentável”, com o diretor da Superintendência Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sucti), em Lauro de Freitas, Eugênio Badaró.

6 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

| Parceiros: Sebrae e Sucti.


Capacitação |

Empreendedor Individual

|

Bancos orientam empresários de Juazeiro sobre crédito Empréstimos possuem taxas e prazos diferenciados para Empreendedores Individuais Foto: Divulgação

“P

www.ba.agenciasebrae.com.br

ercebemos que existe uma grande demanda por financiamento. Então, resolvemos promover esses encontros entre os bancos e os empreendedores dos segmentos que têm os maiores números de formalizações”. Para a coordenadora regional do Sebrae em Juazeiro, Jussara Oliveira, esse é o motivo principal de oferecer informações aos trabalhadores da região sobre a melhor maneira de adquirir e utilizar o crédito junto às instituições bancárias. O gerente de atendimento ser utilizados na dose correta”, do Banco do Brasil (BB), Geraldo alertou o analista do Sebrae, Cordeiro, destacou os critérios Robério Araújo. Durante os encontros, os para financiamento. O BB, um Encontros com outras insparticipantes assistem a uma tituições dos bancos que orientam os bancárias estão sendo Empreendedores Individuais de palestra sobre a importância planejados pelo Sebrae em JuJuazeiro, financia até R$ 15 mil, azeiro. “Vamos oferecer o maior do crédito bancário através do Microcrédito Produtivo número de informação possível Orientado (MPO), com juros de 0,64% ao mês e prazo aos Empreendedores Individuais e estreitar a relação de até 18 meses para quitar. “Como pessoa jurídica, o com as instituições parceiras do Sebrae na orientação a empreendedor ainda tem conta corrente ao custo de R$ 5 esse público”, confirmou Araújo. mensais e cartão de crédito sem anuidade”, acrescentou. Em Juazeiro, as atividades que reúnem o maior número de Empreendedores Individuais são: comércio varejista de artigos de vestuários e acessórios; cabeleireiros e prestadores de serviços na área de estética e beleza; e donos de lanchonetes e bares. Durante os encontros, os participantes assistem a uma palestra sobre a importância de se obter crédito orientado. “Os empréstimos devem

Interatividade Sebrae Sebrae Mais No Sebrae Mais você encontra diversas soluções para sua empresa, que vão ajudar na evolução de seus negócios. São ações práticas, que podem ser aplicadas imediatamente, como modelos avançados de gestão empresarial, estratégias de estímulo à inovação e auxílio no processo de tomada de decisões. Acesse o site e conheça as soluções oferecidas pelo Sebrae Mais que vão ajudar sua empresa a crescer ainda mais. www.sebrae.com.br/uf/bahia/produtos-e-servicos/ sebrae-mais

Fale Conosco O Fale Conosco é um dos canais de comunicação do Sebrae Bahia desenvolvido para atender os seus clientes. Através dele, aqueles que querem abrir ou aprimorar seus negócios poderão tirar dúvidas e receber orientações sobre os mais diversos temas, como acesso a mercados, financiamento, estratégias de venda, entre outros. Acesse o canal do Fale Conosco através do site e tire suas dúvidas diretamente com nossos colaboradores. www.sebrae.com.br/uf/bahia/sebrae-bahia/ fale-conosco

Qualificação para a Economia Criativa O Projeto Qualicultura visa estimular os setores de cultura e economia criativa do Estado. Através de oficina, consultoria e assessoria técnica, o Qualicultura promove a qualificação de empreendimentos culturais, estimulando a profissionalização e f o r m a l i z a ç ã o d o s e t o r. C o n f i r a a programação de cursos e faça sua inscrição. www.sebrae.com.br/uf/bahia/produtos-e-servicos/ qualicultura

www.ba.sebrae.com.br

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 7


|

Perfil Empreendedor |

40 anos de Empreendedorismo na Bahia

Foto: Jaílson Barbosa

Foto: Dávila Kess Pimentel

OLÍRIO DE BRITO Flores de Lírio Desde 2008 “O Sebrae tem me auxiliado, através de consultorias, a gerir os recursos financeiros da empresa. Também me ajudou na otimização de atendimento, vendas e fornecimento da produção e redução de despesas com inovação e tecnologia. Nossas funcionárias foram capacitadas e hoje temos um produto de qualidade reconhecido em todo o País. Sem o Sebrae aqui na região oeste da Bahia, seria impossível manter nosso segmento.”

Foto: Divulgação

Foto: Gilberto Silva

JANE CARVALHO QualiDados Desde 1993 “Nos 19 anos de atuação na área de gerenciamento de projetos, sendo 17 deles como fornecedora da Petrobras, eu acredito que um conjunto de fatores possibilitou o sucesso do empreendimento no mercado. Um deles é o apoio do Sebrae, através do projeto voltado para a área de petróleo, gás e energia, onde recebemos capacitação e consultoria na área gerencial. A partir da criação da Rede Petro Bahia, em 2006, o setor vem se tornando cada vez mais fortalecido no Estado, e ajudou a QualiDados a figurar entre as 250 empresas de pequeno e médio porte que mais cresceram no País, na lista da Revista Exame”.

GIOVANI OLIVEIRA Redemec Desde 2002 “O contato da Redemec com o Sebrae existe desde o surgimento da rede, que engloba 14 mercados aqui em Itabuna há 10 anos, quando participamos do Projeto Empreender e criamos a visão para o associativismo. Após isso, formalizamos o empreendimento, em 2006, e passamos por capacitações, treinamentos e programas, como o Sebrae Mais, além de participações em feiras, eventos e rodadas de negócios, com apoio da Instituição. Hoje, nosso faturamento só vem aumentando e muito disso nós devemos ao Sebrae”. 8 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

GENICE SANTOS Peixaria Ki-Muqueca Desde 2011 “Como empreendedora eu sempre soube aonde queria chegar, mas não sabia como, não sabia a maneira mais adequada. Com as orientações e capacitações do Sebrae, como as oficinas Sebrae Empreendedor Individual (SEI), fica mais fácil ser uma empresária. Sempre que tenho dúvida vou até a instituição que, além de me ajudar na resolução dos problemas do dia a dia, sempre me traz novas ideias”.


Internacionalização |

Curso

|

Empresários capacitam-se para negociar com compradores estrangeiros Curso Planejando para Internacionalizar prepara empreendedores para mercado internacional

D

iretora da indústria de cosméticos VIC Brasil, Larissa Cortizo integra o grupo de 14 empresários baianos que fez parte da primeira turma do curso Planejando para Internacionalizar. “Deu para entender melhor a complexidade do processo de exportação e despertar ainda mais o interesse em iniciar a empresa nesse universo”, disse. A capacitação, que aconteceu em junho, na sede do Sebrae, em Salvador, tem o objetivo principal de preparar os empresários para a Rodada Internacional de Negócios, que vai acontecer durante o XVI Encontro Internacional de Negócios do Nordeste (EINNE). O evento será realizado pelo Sebrae, entre os dias 23 a 25 de outubro, na capital baiana, e reunirá 50 compradores de 18 países. Realizado pelo Sebrae, EINNE tem como um dos Para o analista do Sebrae, Bruno Calil, o curso é uma objetivos fomentar o comércio internacional, promovendo oportunidade para esses empresários baianos conhecerem contatos diretos entre empresas fornecedoras da região as burocracias necessárias para a exportação. “Eles vão Nordeste e compradoras estrangeiras, além de contribuir ter uma base para se tornarem reconhecidos no mercado para a inserção das micro e pequenas empresas no nacional e internacional”, completou. mercado externo. O professor José Hamilton Sampaio destacou que “Eventos como o EINNE funcionam como uma vitrine o curso traz uma visão estratégica para o empresário para os empreendedores de pequeno porte interessados através da elaboração de um em ter acesso aos mercados plano de negócios internacional. nacional e internacional. O “Eles precisam de segurança para “Eles precisam de segurança processo de internacionalização ingressar no mercado estrangeiro de uma empresa é a consequpara ingressar no mercado e para isso têm que conhecer estrangeiro e para isso têm ência da sua competitividade outros detalhes que envolvem no mercado interno”, explica o processo, como linhas de fi- que conhecer outros detalhes a gestora do EINNE no Sebrae nanciamento, tecnologia e até que envolvem o processo” Bahia, Cristiane Mota. importação”, explicou.

Fotos: Divulgação

EINNE

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 9


microMICRO Foto: Divulgação

Oficina do Empreendedor capacita mais de 5 mil trabalhadores Barreiras - Seis cidades do oeste da Bahia receberam uma motivação especial para o empreendedorismo. Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, Santana, Santa Maria da Vitória, Ibotirama e Bom Jesus da Lapa sediaram mais uma edição da Oficina do Empreendedor. O evento, que capacitou mais de 5 mil trabalhadores da região, aconteceu durante três meses e trouxe informações sobre melhoria na gestão e como abrir o próprio negócio. “São empreendedores ávidos por conhecimento, com os objetivos de melhorar a gestão de suas empresas e de identificar novas oportunidades de negócios”, disse o coordenador da Unidade Regional do Sebrae em Barreiras, Emerson Cardoso.

Foto: Gilberto Silva

Foto: Paulo Palma

Baianas promovem Festival do Acarajé em Valença Valença - Moradores de Valença e turistas puderam conferir uma das iguarias mais famosas da Bahia a preço promocional: três acarajés por R$ 5. A promoção foi uma das ações que aconteceram durante o 2º Festival de Acarajé de Valença, que teve apoio do Sebrae, e gerou a comercialização de mais de 4 mil quitutes. O evento ocorreu em julho, no Jardim da Recreativa, e reuniu 12 baianas de acarajé da região que são Empreendedoras Individuais e fazem parte da Associação de Baianas de Acarajé de Valença (ABAAV), um dos núcleos do Programa Empreender. Para o gestor do Ponto de Atendimento do Sebrae em Valença, Ângelo Fahning, as baianas estão mostrando a força do trabalho focado no associativismo. “Elas, como empresárias, estão com a autoestima elevada e agregando um público consumidor cada vez maior”, disse. 10 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

Empresas são reconhecidas por melhores práticas de estágio Salvador - A Escola Kennedy, localizada em Eunápolis, no sul da Bahia, foi contemplada com o prêmio Melhores Práticas de Estágio 2012, na categoria “Pequena Empresa”. A diretora da escola, Gilsan Pessoa, recebeu a premiação, que é oferecida pela Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), através do Instituto Euvaldo Lodi (IEL). Foram premiadas também a Cromex, localizada em Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), na categoria “Média Empresa”, e a Braskem, que fica em Camaçari, na categoria “Grande Empesa”. Já o Troféu Euvaldo Lodi, destinado a empresas que já foram contempladas pelo prêmio e atingiram pontuações altas nas edições posteriores, foi entregue para a Lacerta Consultoria e Projetos Ambientais, de Salvador. No total, 26 empresas foram inscritas.


Brasil Bahia

|

Foto: Jaílson Barbosa

Empresas de TI ganham Programa de Gestão Tributária

Foto: Divulgação

Salvador - Micro e pequenas empresas do setor de Tecnologia da Informação (TI) terão uma consultoria específica. O Programa Gestão Tributária para Empresas TIC prevê workshop de planejamento tributário, avaliação da adequação do regime fiscal adotado à empresa, consultoria individual para planejamento tributário, reunião intermediária para avaliação do andamento das ações, pesquisa e processamento de dados e avaliação dos resultados. O programa é realizado pelo Sebrae, em parceria com a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação Regional Bahia (Assespro-BA). São oferecidas 30 vagas e a duração é de cinco meses. Mais informações ou inscrições através do e-mail assespro-ba@assespro.org.br ou do telefone (71) 3241-0152.

Sebrae é destaque na entrega do Prêmio Comércio em Foco Teixeira de Freitas - “Pelos excelentes serviços prestados à comunidade e sua atuante contribuição para a consolidação de um comércio cada vez mais forte. Este prêmio é um justo reconhecimento ao talento e a competência”. Foram com essas palavras que o Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Teixeira de Freitas (Sincomércio) homenageou o Sebrae, que foi destaque na entrega da terceira edição do prêmio “Comércio em Foco”. O coordenador da Unidade Regional em Teixeira de Freitas, Alex Brito, recebeu a premiação das mãos do ator da Rede Globo, Carlos Casagrande. Cerca de 1,2 mil empresários da região compareceram à cerimônia, que aconteceu no Cenarium Eventos.

Ações fortalecem turismo no Vale do São Francisco

Foto: Divulgação

Juazeiro - O turismo é um dos eixos de trabalho do projeto Sebrae Bahia no Território da Cidadania do Sertão do São Francisco. Para colaborar com a estruturação da cadeia produtiva, a instituição está reunindo atores do trade turístico da região para efetivar ações de melhoria, através de um Workshop de Sensibilização. Durante o evento, foi assinado o Termo de Intenções para o Desenvolvimento do Turismo no Vale do São Francisco. O documento reúne as principais conclusões com base nas intenções e debates propostos pelo trade, além de instituições municipais e estaduais que apoiam a atividade. “A próxima ação é elaborar um projeto que permita a captação de recursos junto ao Ministério da Integração Nacional para a execução das prioridades determinadas”, explica a gestora do projeto, Audeni Souza.

microMICRO

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 11


Acesso a Mercado |

Empresário dobra faturamento com planejamento e capacitação Encontro reuniu 37 fornecedores e 122 mercadistas na Feira Superbahia

O

empresário João Bosco Lima Cruz, proprietário de um minimercado na cidade de Luís Eduardo Magalhães, oeste da Bahia, acredita que o

planejamento, a pesquisa de mercado e as capacitações feitas no Sebrae fizeram a diferença para que sua empresa, em pouco mais de um ano de existência, dobrasse o faturamento. O Bosco tinha um faturamento mensal de aproximadamente R$125 mil e hoje está em torno de R$ 240 mil ao mês. Ao lado do irmão e suas respectivas esposas, que são sócios da empresa, João Bosco planeja ampliar os negócios. “Vamos abrir uma padaria ao lado do mercado. Vimos a necessidade da população aqui do bairro, por isso

empresa, fizemos nosso plano de negócios, pesquisamos

participamos da Superbahia, para conhecer as novidades

o melhor local e até participamos de capacitações pela

do setor”, afirmou o empreendedor que sempre procura participar de novas capacitações. O empresário está participando do curso Gestão Financeira do Sebrae Mais. “Isso nos ajuda a entender melhor questões importantes como a tributação. Antes mesmo de abrir a

internet”, contou. Ele começou o

“Antes mesmo de abrir a empresa fizemos nosso plano de negócio, pesquisamos o melhor local e até participamos de capacitações pela internet”

12 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

empreendimento em agosto de 2011, com quatro funcionários, e hoje já emprega 14 pessoas. “A gente sabe que é preciso se organizar para não ficar para trás. Por isso, desde o início, procuramos orientação”, observou.


Economia

Para a gestora do Sebrae em Luís Eduardo Magalhães, Nayane Portela de Medeiros, muitos empresários buscam a instituição quando já estão em situação muito crítica, mas João Bosco foi precavido ao procurar antes mesmo de abrir

Superbahia mostra importância dos minimercados para a economia

a empresa. “Fazendo o Plano de Negócio e participando de

Durante a abertura da Superbahia, realizada em

capacitações, ele teve um ótimo crescimento, conseguindo

julho, no Centro de Convenções da Bahia, em Salvador,

dobrar o faturamento em pouco mais de um ano”, enfatiza.

o presidente da Associação Brasileira de Supermercados

Evento gera R$ 400 mil em negócios A participação na Superbahia rendeu bons frutos para os empresários apoiados pelo Sebrae. De acordo com a coordenadora da Unidade de Acesso a Mercado e Serviços Financeiros da Instituição, Suely de Paula, foram gerados cerca de R$ 400 mil em negócios durante todo o evento. Entre as ações realizadas pelo Sebrae para promover o acesso a mercado no evento, estavam as Rodadas de Negócio, que reuniram 37 fornecedores de alimentos e bebidas e 122 mercadistas baianos. O diretor-técnico do Sebrae Bahia, Lauro Ramos, explicou a parceria da instituição com o evento. Ele ressaltou que a Superbahia contribui para o fortalecimento dos pequenos negócios, oferecendo, no mesmo ambiente, a oportunidade de conhecer novas tecnologias, participar de capacitações e ter contato com ofertantes e demandantes de serviços. Para o diretor, isso vai possibilitar que os empreendimentos participantes sejam mais competitivos e sustentáveis. “A Superbahia integra a missão do Sebrae, que é estimular a capacitação empresarial e a oportunidade de crescimento de

(Abras), Sussumu Honda, destacou a importância de fortalecer os minimercados. O setor, de acordo com dados da própria Abras, vem crescendo, em média, 15% ao ano. “O Sebrae tem o papel fundamental de fortalecer os pequenos empreendimentos, que ajudam a fazer uma distribuição regional da produção, contribuindo com o crescimento do setor varejista”, observou. O presidente da Associação Bahiana de Supermercados (Abase), Teobaldo Luís da Costa, lembrou o trabalho feito pela Instituição, em parceria com o Sebrae, para trazer à Superbahia caravanas de empresários de minimercados do interior da Bahia. “O Estado tem um potencial, porque as grandes redes não chegam aos municípios e os minimercados facilitam essa logística”, destacou. A Superbahia foi realizada pela Abase, em parceria com o Sindicato dos Supermercados e Atacados de Auto Serviço do Estado da Bahia (Sindsuper) e o Sebrae Bahia. No espaço de Atendimento Empresarial, o Sebrae ofereceu palestras e 31 estandes de empresas dos projetos setoriais, como Comércio Justo, Agronegócio, além de empresas do setor de Tecnologia da Informação, em parceria com a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação Regional Bahia (Assespro-BA), e de confecção, com empresas de fardamento.

Fotos: Gilberto Silva

empreendimentos de pequeno porte”, destacou.

|

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 13


Formalização |

Sebrae Estudo

Formalização faz faturamento aumentar

A

saída da informalidade gera impactos positivos no desempenho dos negócios conduzidos pelos Empreendedores Individuais (EI). É o que

aponta um estudo divulgado pelo Sebrae, em São Paulo. O levantamento, que teve início na Bahia, revela que

Foto: Jailson Barbos a

Estudo do Sebrae mostra que registro como Empreendedor Individual tem impacto positivo nos investimentos

55% dos empreendedores que já tinham um negócio antes da formalização declararam ter tido aumento no faturamento da empresa após o registro como EI. “O registro como Empreendedor Individual permite trazer esses brasileiros para a economia formal, confere cidadania empresarial e impulsiona os negócios”, avalia o presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto. O Empreendedor Individual Francisco Pereira possui uma fábrica de móveis na cidade de Santo Antonio de Jesus, a 185 km de Salvador. Ele foi um dos 418 empresários baianos que participaram da pesquisa e está satisfeito com o registro. “Depois da formalização, melhoramos 100%, pois agora podemos emitir notas, viajar e vender para outras localidades com segurança”,

Empreendedores Individuais na Bahia e está disponível,

comemora.

na íntegra, na página www.biblioteca.sebrae.com.br.

O empresário Luis Diego Diniz, que comercializa

Empreendedor Individual. Ele fez o registro em 2009

Mutirão do EI formaliza mais de 8 mil trabalhadores por conta própria

e já conseguiu triplicar o faturamento. “Hoje, eu tenho

O Mutirão do Empreendedor Individual, que acon-

um livro caixa e sei quanto obtenho de lucro por mês,

teceu na Bahia durante todo o mês de julho, registrou a

além de ter segurança para investir na loja”, enfatiza.

formalização de 8.115 trabalhadores por conta própria

acessórios, bijuteria e confecção no mercado central da cidade de Irecê, a 490 km de Salvador, aumentou as vendas em quase 60%, após a formalização como

A pesquisa mostrou que os inves-

e orientou 17,5 mil empreendedores já

timentos nas empresas também foram

registrados como EI. O trabalho envolveu

maiores para 54% dos entrevistados que afirmaram já possuir um negócio informal, e 52% passaram a ter maior controle financeiro, o que representa melhoria de gestão. Além disso, 26% deles ampliaram

“Hoje, eu tenho um livro caixa e sei quanto obtenho de lucro por mês”

ações de sensibilização em todo o Estado. Na capital, uma grande tenda instalada em frente ao Shopping Iguatemi atendeu 666 trabalhadores interessados em se formalizar. Nas cidades do interior, também

as vendas para outras empresas. Na Bahia, até o dia 1º

foram realizadas diversas ações no intuito de informar

de agosto de 2012, mais de 198 mil trabalhadores por

os trabalhadores sobre os benefícios de se tornarem

conta própria foram formalizados. A pesquisa “Perfil

Empreendedores Individuais, através de cursos, palestras

do Microempreendedor Individual 2012” ouviu 418

e capacitações.

14 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

|


Homenagem |

Cidadão de Salvador

|

Superintendente do Sebrae recebe título de cidadão de Salvador Câmara Municipal reconhece atuação de Edival Passos a serviço do coletivo

“E

nalizar os agradecimentos, o superintendente destacou dival é alguém que desafia o conceito de o companheirismo de sua esposa, Irais Souza, o apoio destino. Ele está sendo homenageado pela de filhos e netos, além de ressaltar a importância dos sua entrega à luta democrática e porque fez da sua vida profissional uma missão a serviço do coleamigos que fez e faz em Salvador. “Esse reconhecimento tivo”. Com essa justificativa a vereadora Olivia Santana é de uma vitalidade inimaginável”, agradeceu. entregou ao superintendente do Sebrae, Edival Passos, “Esta sessão rica em história de vida e atuação o título de Cidadão da Cidade do Salvador. A sessão soprofissional e política foi uma demonstração de que o lene aconteceu no dia 31, no Plenário Cosme de Farias, cidadão Edival Passos merece o título e a homenagem Foto: Gilberto Silva na Câmara Municipal de Salvador. de Salvador, cidade onde ele tem A iniciativa, que outorga o título tantos amigos e admiradores”, ao executivo do Sebrae, teve sessão resumiu o presidente do Conselho solicitada e conduzida pela vereaDeliberativo Estadual do Sebrae dora Olívia Santana. Convidado Bahia, João Martins da Silva Júnior. por Edival Passos para ser orador Constatação que foi comprovada da sessão, o secretário Estadual de pelo amigo, o cantor e compositor Planejamento, José Sérgio Gabrielli, Nelson Rufino: “Hoje passou um resumiu bem a trajetória política, profilme na minha cabeça do tempo fissional e pessoal do homenageado, em que éramos metalúrgicos e vejo sempre vinculando acontecimentos que a trajetória de Edival segue o da vida de Edival a fatos da história mesmo paradigma, com energia do Brasil e do mundo. “Quando nos e vontade de lutar por um mundo encontramos, em 1968, o Brasil vivia a melhor”, disse. “Esse reconhecimento Ditadura Militar e nesse contexto nós é pela pessoa especial que ele é. Edival fazíamos parte do movimento estudantil “Sinto muita felicidade é dinâmico e nunca olha apenas para si que denunciava a opressão. Fomos mesmo. Vejo nele a vontade constante por ter contribuído presos políticos e dividimos a mesma para a formação social de ter projetos realizados”, comemorou cela. Hoje, nosso companheirismo de 40 Irais Souza, esposa de Edival Passos. de Salvador” anos está fortalecido e eu espero que daqui a 40 anos eu continue tendo a oportunidade de ser amigo e poder falar da vida de Edival Passos”, completou. Orgulhoso, o novo cidadão de Salvador dividiu o Edival Passos Souza nasceu no dia 5 de janeiro de título com todos os presentes e fez questão de agradecer 1952 em Boa Nova, sudoeste baiano, e passou a infância separadamente a cada um, sempre ilustrando o agrae adolescência em Itanhém, no sul do Estado. Porém, decimento com uma história em comum. “Sinto muita foi na capital baiana, onde chegou aos 17 anos, que o felicidade por ter contribuído para a formação social de superintendente desenvolveu sua trajetória profissioSalvador, essa cidade que me acolheu e que me dá a nal. Economista formado em 1976 pela Universidade oportunidade de desenvolver o conhecimento e produzir”, Católica da cidade, Passos já foi vereador de Salvador afirmou, Edival Passos. (1989/1990), quando conquistou duas vezes o prêmio do O superintendente também fez uma retrospectiva Comitê de Imprensa da Câmara Municipal pela atuação de vida e lembrou-se do tempo em que, mesmo com de destaque, e deputado estadual (1991/1994), quando formação superior em economia, ficou desempregado e também teve atuação destacada, reconhecida pelo trabalhou em Salvador como vendedor de mel e manteiga. Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa da Bahia. Ao falar de sua missão profissional atual, citou o Sebrae. Auditor Fiscal de Tributos Municipais desde 1985, entrou “Essa instituição tem sido uma das maiores escolas da no Sebrae em 2005, como diretor Operacional. Desde minha vida. Uma fonte de inquietude”, avaliou. Para fi2007, é superintendente da Instituição.

Trajetória

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 15


Capacitação |

Gestão Saúde

|

Empresas da área de saúde recebem capacitação na gestão de negócios Cerca 100 empresários do setor serão capacitados através do Projeto Gestão Empresarial para Área da Saúde até o final de 2014

O

Diagnóstico de Competitividade da Micro e Pequena Empresa levantado pelo Sebrae junto a clínicas médicas e odontológicas de Salvador e Região Metropolitana (RMS) revelou que os empreendimentos desse setor possuem carências em relação à parte de gerenciamento do negócio. Por isso, a instituição desenvolveu, dentro do convênio firmado com a Secretaria Estadual da Indústria, Comércio e Mineração (Sicm), o projeto Gestão Empresarial para Área da Saúde. De acordo com o coordenador da Unidade de Comércio e Serviços do Sebrae Bahia, Rogério Teixeira, a previsão é de que, até o fim de 2014, sejam capacitados 100 empresários do setor, através da oferta de soluções no âmbito gerencial. A análise foi realizada entre março e maio de 2012, e revelou fortes e pontos fracos de 60 empreendimentos da área de saúde.

“Acredito que essas ações vão auxiliar muito a todos que desejam continuar empreendendo” Com base nesse levantamento, o Sebrae buscou as soluções ideais para que os empresários aprimorem a gestão dos negócios. Além de cursos, serão realizadas consultorias nas áreas de marketing, inovação e recursos humanos. “As consultorias vão acontecer na própria empresa devido à dificuldade que o empresário tem para sair do seu negócio”, destacou a gestora do projeto, Laira Lopes. O médico Augusto Holmer possui uma clínica de pediatria no bairro de São Marcos, em Salvador. Para ele, é fundamental que os profissionais da área da saúde busquem esses novos conhecimentos. “Todos nós somos empreendedores por natureza, pois muitos saem das universidades e montam seus consultórios e suas clínicas. Porém, não temos a experiência necessária para gerir um negócio. Acredito que essas ações vão auxiliar muito a todos que desejam continuar empreendendo”, destacou. 16 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

Foto: Robson Nascimento

Programa Gestão Empresarial O lançamento do programa Gestão Empresarial para Área da Saúde aconteceu no mês de julho, no auditório da Associação Brasileira de Odontologia (ABO-BA), em Salvador, com a presença de empresários do setor. Para o presidente da ABO, Anstitenes Albernaiz, os profissionais da área saem das universidades sem o devido conhecimento referente à gestão de um negócio. “Somos formados no aspecto técnico, mas precisamos nos aprofundar na área de gerenciamento. Por isso, esse projeto terá um papel importante na agregação de conhecimento para esses profissionais”, disse. Os empresários que tiverem interesse podem enviar e-mail para laira. lopes@ba.sebrae.com.br, fornecendo informações sobre o empreendimento.

Parceiros: Sebrae, Associação Brasileira de Odontologia (ABO), Conselho Regional de Odontologia (CRO-BA), Associação de Hospitais e Serviços de Saúde do Estado da Bahia (AHSEB), Sindicato dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado da Bahia.


Chocolate |

Rodada de Negócios

|

Produtores de cacau negociam com chocolatiers no Salon Du Chocolat Fotos: Robson Nascimento

Encontro de Negócios possibilitou contato entre fornecedores locais e chocolatiers de várias partes do mundo

A

a produção de amêndoas e chocolates tenha uma boa s fazendas Venturosa e Santa Helena, localizadas gestão e muita qualidade na produção”, afirma o supea 5 km da cidade de Floresta Azul, sul da Bahia, rintendente do Sebrae Bahia, Edival Passos. são propriedades da família Lucas desde 1930. A especialidade é típica da região: produção de cacau. Atualmente, o negócio é gerido pelos irmãos James Lucas e Eleonora Gedeon Lucas. Ela participou da primeira edição do Salon Du Chocolat realizada no Brasil, que Durante o evento, foi lançada ainda uma publicação aconteceu em Salvador, no início de julho. inédita que mostra o chocolate do Brasil com diferenDurante o evento, o Sebrae promoveu um Encontro tes composições de frutas dos seis biomas brasileiros: de Negócios entre 11 produtores de amêndoas de cacau Mata Atlântica, Amazônia, Caatinga, Cerrado, Pampa e da Bahia e 15 chocolatiers de diversas partes do mundo, Pantanal. Trata-se do livro “Chocolate com Frutas Brasique estavam expondo no local. Eleonora ficou satisfeita leiras”, produzido pela coordenadora de Fruticultura do com os contatos adquiridos. “Foi um momento para Sebrae Nacional, Léa Lagares, com assessoria gastroapresentarmos o nosso produto, onde obtivemos contatos nômica do chocolatier Franz Xavier Ordematt e da que, com certeza, vão gerar resultados positivos muito gastrônoma Tainá Zaneti. em breve”, afirma. A publicação traz 24 receitas Eleonora disse ainda que, após o a partir de composições pouco contato no Salon, levou três choco“Eles gostaram exploradas, mostrando novas forlatiers, um francês e dois japoneses, muito do que viram, mas do uso das frutas. “A ideia foi para conhecerem a sua propriedade, principalmente fazer uma provocação de diferentes no sul do Estado. “A visita foi muito oportunidades de negócios para boa. Eles gostaram muito do que vino que se refere à produtos pouco conhecidos no ram, principalmente no que se refere responsabilidade social” mercado interno e externo, uma à responsabilidade social. Para esses vez que o Brasil é um dos principais consumidores de compradores, a qualidade é importante, mas as boas chocolate”, destacou Léa. A coordenadora disse ainda práticas de gestão e a oferta de trabalho decente é, que o lançamento do livro ocorreu em um momento igualmente, são fundamentais”, conta. A produtora conta oportuno. “O Salon Du Chocolat é uma referência que vai enviar algumas amostras de seu produto para mundial para produtores e admiradores do chocolate. chocolatiers da França, Suíça, Itália e Japão. E nada melhor do que lançar o trabalho nesse evento”, O Encontro de Negócios foi uma oportunidade para afirma. O livro está disponível gratuitamente no site aproximar produtores baianos e chocolatiers mundialmente www.sebrae.com.br/setor/fruticultura. renomados. “O desafio do Sebrae é contribuir para que

“Chocolate com frutas brasileiras”

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 17


“Estimulamos a formalização sempre destacando que o crédito é apenas a ponta de um processo maior que é dar cidadania ao empresário”

E

mpregado de carreira administrativa da Caixa Econômica Federal (CEF) há 36 anos, Luiz Antonio de Souza tem 55 anos de idade e já atuou em diversas agências, tanto do interior quanto da capital da Bahia. Natural da cidade de Cachoeira, no recôncavo baiano, o superintendente Regional da CEF em Salvador estava atuando na regional Sul, com sede em Itabuna, antes de assumir a função atual. Ele conversou com a Revista Conexão sobre as opções de crédito para micro e pequenas empresas, Empreendedores Individuais além da relação entre Sebrae e CEF.

1.

Como você analisa a procura por crédito por parte das pequenas empresas na

3.

Quais as principais linhas de crédito que a CEF oferece para os gestores de micro

Bahia? Há expansão na oferta e contratação?

e pequenas empresas?

As pequenas empresas continuam a demandar cré-

A maior vantagem é que as linhas de crédito da

dito, mas essas demandas poderiam ser maiores. O atual cenário da economia é oportuno para isso e a CEF tem buscado a melhoria dessa concessão, com uma tendência de redução das taxas.

2.

Caixa para as micro e pequenas empresas são as mais baratas do mercado, com taxas de juros reduzidas – de 0,64% ao mês ou 8% ao ano – e prazo de até 24 meses para pagar, dependendo da finalidade do capital. Oferecemos diversos benefícios como abertura de limites de crédito, conta corrente,

Quais as situações mais comuns em que o empresário recorre ao crédito? O que

mais dificulta o acesso? A principal demanda do empresariado é por recursos de capital de giro e, eventualmente, de investimento. O que mais dificulta o acesso ao crédito é o desconhecimento de grande parte deles das suas reais

cartão e credenciamento, orientação para o uso do crédito consciente e educação financeira. Além disso, há serviços para viabilizar cobrança, recebimento, pagamento a fornecedores, gestão de caixa, folha de pagamento com vantagens exclusivas para os empregados, conectividade, Internet Banking Caixa, seguros de vida em grupo para os empregados, seguro para proteger os bens da empresa e outros

necessidades, bem como de algumas características

serviços. São produtos inovadores e cada empresa

próprias do setor bancário.

é atendida de forma personalizada.

18 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

Foto: Gisele Cravo

entrevista |


Entrevista | Conexão Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal em Salvador | Luiz Antonio de Souza

4.

O Programa Crescer, por fazer parte do Programa de Microcrédito Produtivo

Orientado, oferece orientação junto com a concessão. Fale sobre a importância de orientar o empresário ao fornecer o crédito. Com relação ao programa Crescer, estimulamos a formalização dos pequenos empreendedores, sempre destacando que o crédito é apenas a ponta de um processo maior que é dar cidadania ao empresário que antes atuava de maneira informal. A Caixa Econômica Federal concedeu, em todo o País, mais de R$ 180 milhões em crédito para empreendedores através do Microcrédito Produtivo Orientado, desde a criação do programa, em setembro de 2011.

5.

Entre as parcerias do Sebrae com a CEF, qual o senhor destacaria?

São muitas as parcerias entre a Caixa e o Sebrae. Um destaque é o convênio assinado para oferta de serviços e produtos bancários às micro e pequenas empresas e a estreita parceria para apoio a este segmento, funcionando como um grande alavancador empresarial há décadas.

|

6.

A Caixa Econômica Federal foi um dos parceiros na Feira do Empreendedor 2011, evento promovido pelo Sebrae e considerado pela terceira vez consecutiva o melhor do Brasil. Qual a sua avaliação desta parceria? A Feira do Empreendedor já marca o calendário dos grandes eventos do Estado da Bahia e foi bastante produtiva, com ganhos significativos para o fortalecimento da parceria que une as duas instituições.

7.

Qual a importância da orientação empresarial para que as micro e pequenas empresas tenham um desenvolvimento sustentável? É fundamental que as micro e pequenas empresas tenham acesso ao conceito de sustentabilidade. A ideia de desenvolvimento sustentável leva ao entendimento de atender às necessidades da atual geração sem comprometer a capacidade das futuras em prover as próprias demandas. Para atingir o desenvolvimento sustentável é preciso, primeiro, reconhecer que os recursos naturais são finitos e que os bens devem ser utilizados com critério e planejamento. A CEF apoia e reconhece aquelas empresas que têm essa preocupação e agem respeitando estes limites. Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 19


Pesquisa |

Empreendedorismo Brasil

Brasil é um dos três países com maior número de empreendedores no mundo Pesquisa GEM 2011 revela que 27 milhões de pessoas possuem ou estão envolvidas na criação de um negócio

A

Pesquisa

Foto: Welton Araújo

trás apenas da China e dos Estados Unidos, o Brasil possui 27 milhões de pessoas envolvidas A GEM levanta as principais características do emou em processo de criação de um negócio preendedorismo em cada um dos países pesquisados e próprio. Em números absolutos, aparece em terceiro considera tanto os negócios formais quanto os informais. lugar no ranking de 54 países analisados pela pesquisa Foram ouvidas apenas pessoas entre 18 e 64 anos. Os Global Entrepreneurship Monitor 2011 (GEM), realizada empreendedores representam 27% da população adulta anualmente e fruto de uma parceria entre o Sebrae e o brasileira. Em 2002, esse percentual era de 21%. Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade (IBQP). Dos 27 milhões de empreendedores existentes no País, O superintendente do Sebrae Bahia, Edival Passos, 85% estão no mercado há mais de três meses. Desses, destaca que a pesquisa revela o bom momento pelo 12 milhões, o equivalente a 45%, estão estabelecidos em qual passa o empreendedorismo brasileiro. Para ele, a seus segmentos de atuação, ou seja, operam no mercado Bahia também mostra o seu potencial nesse aspecto, há mais de 42 meses. Outros 11 milhões, 40% do total, revelando grandes casos de sucesso. “Tivemos, no ano são classificados como novos emprepassado, por exemplo, a vitória de endimentos por funcionarem há mais dois empresários baianos na etapa de três meses e menos de 42 meses. nacional do Prêmio MPE Brasil, que Os pequenos negócios são responA GEM indica que boa avalia, justamente, as boas práticas sáveis pela maior parte das vagas de parte das pequenas de gestão desempenhadas pelos trabalho no Brasil. Dados referentes a empreendimentos”, afirma. empresas pretende 2010 da Pesquisa de Emprego e DesemO empresário baiano Josué Teles ampliar seus quadros prego do Departamento Intersindical está no hall de empreendedores de Estatística e Estudos Socioecode sucesso, pois teve uma visão nômicos (Dieese) mostram que os direcionada para o seu negócio e pequenos negócios geram dois em também para o coletivo. Ele começou cada três postos de trabalho no com um mercadinho, em Salvador, setor privado. no ano de 1999, e hoje possui dois A GEM indica que boa parte das supermercados de médio porte: pequenas empresas pretende ampliar um em Lauro de Freitas e outro em seus quadros. Entre os negócios com Salvador. menos de 42 meses de existência, Em 2006, ele buscou o Sebrae quase a metade planeja contratar para saber como poderia ser montada entre um e cinco funcionários nos uma central de supermercados. Com próximos cinco anos. Apenas um o apoio da Instituição, Josué fez parte terço não pretende abrir vagas e da formação da Rede Mix, reunindo, o restante deve empregar mais de inicialmente, 10 empreendimentos. cinco pessoas nesse período. Com Atualmente, são 24 empresas que, relação aos negócios estabelecidos, juntas, alcançam um faturamento para os que têm mais de 3,5 anos, a mensal de R$ 22,5 milhões, segunprevisão é de que 44% deles contrado o empresário, que também é tem entre um e cinco funcionários,  presidente da Rede. “É um caso de 45% permaneçam com os quadros empreendedorismo de sucesso no estáveis e o restante empregue mais nosso Estado”, afirma. de cinco pessoas.

20 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

|


Projeto |

Transparência Bahia | Brasil

|

Projeto torna ações do Sebrae Bahia transparentes e públicas Foto: Gilberto Silva

Transparência Sebrae é uma iniciativa inédita em todo País

C

om o objetivo principal de dar transparência aos ações do Sebrae foi o tema de uma palestra do analista atos do Sebrae Bahia, a Instituição produziu, de de Finanças e Controle da CGU, Romualdo Santos. Ele maneira inédita no País, o Plano Plurianual de destaca que, atualmente, a ideia é de parceria com foco nos resultados. “A CGU tem também o objetivo Auditoria 2012/2014. A Bahia é o primeiro Estado do Sistema Sebrae a adotar essa iniciativa e o lançamento de aperfeiçoar os procedimentos da empresa, que do plano de transparência, em julho, contou com o apoio é uma preocupação do gestor contemporâneo, mas sempre estabelecendo os limites de competência. O de instituições de controle como Tribunal de Contas da papel dos órgãos de controle é também de orientar e União (TCU), Tribunal de Contas do Estado (TCE), e prevenir ”, ressalta. Controladoria Geral da União (CGU). O presidente do TCE, Zilton Rocha, “O intuito é tornar as atividades e contas acredita que o lançamento do Plano Pludo Sebrae mais públicas e transparentes possíveis, de acordo com princípios cons“Transparência é rianual contribui para a atuação do Sebrae. titucionais”, destaca o superintendente da “Transparência é a melhor maneira de agir instituição, Edival Passos. Ele ressalta que a melhor maneira com lisura e evitar desvios e, com esse as organizações públicas têm que se mirar de agir com lisura trabalho, o Sebrae consegue agregar ainda na eficiência da gestão privada. “O sistema e evitar desvios” mais conformidade e legalidade com as ações”, disse. “Apesar de termos o papel Sebrae é referência nacional, pois trabalha de controle, estamos na mesma linha, com a convicnesse conceito, porém, tendo como o ‘lucro’ um serviço ção de que nossos serviços estão sendo prestados da de qualidade”, enfatiza. melhor forma”, concluiu. O papel da CGU no controle e acompanhamento das

Transparência Sebrae - Auditoria com Foco em Risco A publicação “Transparência Sebrae - Auditoria com Foco em Risco” traz detalhadamente todas as ações que serão executadas pela Auditoria Interna do Sebrae Bahia em 2013 e 2014. O trabalho aponta os pontos críticos e indica ações preventivas. A execução está dividida em grupos de atuação: revisão e follow up de processos, prestação de contas, órgãos normativos, follow up das auditorias (externa, CGU e TCU), orientação consultiva, análise de prestação de contas de convênios, pareceres/notas técnicas/propostas parcerias, propostas normativas e Unidades Regionais.

Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198 | 21


Reconhecimento |

Empresárias Mulher de Negócios

|

Estão abertas as inscrições para Prêmio Sebrae Mulher de Negócios

E

m 2007, um incêndio criminoso quase pôs fim ao sonho das cooperadas que desenvolvem peças de artesanato afrodescendente na Cooperativa de Cultura e Arte (Cultuarte), em Salvador. O ponto, recém-inaugurado, e os produtos ficaram completamente destruídos. Apesar das dificuldades, as artesãs não recuaram e, em seis meses, conseguiram reerguer o espaço. Em 2011, a presidente da cooperativa, Verônica Lemos, decidiu relatar a experiência ao participar do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. A ideia rendeu bons frutos e, em março ficado e 16 horas de consultoria, deste ano, o Sebrae anunciou que além de representar seu Estado Verônica foi a vencedora do prêmio “Recente pesquisa aponta na etapa nacional. na categoria “Negócios Coletivos”. Podem concorrer ao prêmio, Como Verônica, outras empre- que há cerca de 6,4 milhões empresárias com mais de 18 anos, sárias terão oportunidade de contar de empreendedoras no donas de empresas de micro e suas histórias, participando do País, o que representa 46% pequeno porte, representantes de Prêmio Sebrae Mulher de Negócios. As inscrições estão abertas até do total de empreendedores negócios coletivos ou Empreendedoras Individuais. O empreendi31 de agosto e podem ser feitas brasileiros” mento deve ter no mínimo um ano pelo site www.mulherdenegocios. de existência. “O potencial empreendedor das mulheres sebrae.com.br. A candidata deve preencher o questionário brasileiras é significativo. Recente pesquisa aponta que há e inserir o relato de sua atuação como empresária. Esse cerca de 6,4 milhões de empreendedoras no País, o que passo é obrigatório, pois a inscrição só será oficial após representa 46% do total de empreendedores brasileiros”, a inserção da redação. As vencedoras da etapa estadual explica a gestora do Prêmio na Bahia, Mariza Xavier. serão conhecidas em outubro e receberão troféu, certi-

Foto: Luane Santos

Empresárias têm até dia 31 de agosto para relatar suas histórias

| veja o sebrae mais próximo de você Unidade Regional 1 Salvador/Centro de atendimento ao Empreendedor – Av. Sete de Setembro, nº 261, Mercês – Salvador/BA 40060-035 – Tel.: 71 3320-4526 Salvador/Itapagipe – Rua Direta do Uruguai, nº 753, Bahia Outlet Center, Lojas 134/135, Uruguai – Salvador/ BA – 40454-260 – Tel.: (71) 3312-0151 – Telefax: (71) 3312-0170 Salvador/Liberdade – Estrada da Liberdade, nº 26, Lojas 13/26, Liberdade – Salvador/BA – 40375-016 Tel: (71) 3241-8126 – Telefax: (71) 3242-6613 Salvador/SAC Empresarial – Av. Otávio Mangabeira, nº 6929, Multishop – Boca do Rio – Salvador/BA 41706-690 – Tel.: (71) 3281-4154 – Fax (71) 3281-4141 Camaçari – Rua do Migrante s/n, Centro, CEDAP – Casa do Trabalho – Camaçari/BA – 42800-000 Tel.: (71) 3622-7332 – Fax: (71) 3621-8223 Lauro de Freitas – Loteamento Varandas Tropicais, nº 279, Q. 3, Lote 16, Rua A, Galpão 01, Pitangueiras – Lauro de Freitas/BA – 42700-000 – Tel.: (71) 3378-9836 Alagoinhas – Rua Rodrigues Lima, nº 126-A, Centro – Alagoinhas/BA – 48010-040 Tel.: (75) 3422-1888 – Fax: 3422-1555 Unidade Regional 2 Barreiras – Av. Benedita Silveira, nº 132, Ed. Portinari, Térreo, Centro – Barreiras/BA – 47804-000 Tel.: (77) 3611-3013/4574

Unidade Regional 3 Feira de Santana – Rua Barão do Rio Branco, nº 1225, Centro – Feira de Santana/BA – 44149-999 Telefax: (75) 3221-2153 Ipirá – Praça Roberto Cintra, nº 400-A, Centro – Ipirá/BA – 44600-000 – Telefax: (75) 3254-1239 Euclides da Cunha – Rua Oliveira Brito, nº 404, Centro – Euclides da Cunha/BA – 48500-000 Tel.: (75) 3271-2010 – Fax: (75) 3271-2055 Itaberaba – Rua Rubens Ribeiro, nº 253, Ed. Tropical Center, salas 22/23, Centro – Itaberaba/BA 46880-000 – Tel.: (75) 3251-1023

Unidade Regional 6 Juazeiro – Praça Dr. José Inácio da Silva, nº 15, Centro – Juazeiro/BA – 48903-430 – Tels.: (74) 3612-0827/0392 Paulo Afonso – Rua Amancio Pereira, nº 60, Centro – Paulo Afonso/BA – 48602-110 – Tel.: (75) 3281-4333 Fax.: (75) 3281-4223 Unidade Regional 7 Santo Antonio de Jesus – Rua Ruy Barbosa, nº S 22/26, Ed. Saene, loja 3, sala 104, Centro – Santo Antonio de Jesus/BA – 44572-000 Telefax: (75) 3631-3949/5962

Porto Seguro – Praça ACM, nº 55, Centro – Porto Seguro/BA – 45810-000 – Telefax.: (73) 3288-1564 Eunápolis – Rua 5 de Novembro, nº 66, Térreo, Centro – Eunápolis/BA – 45820-041 Tels.: (73) 3281-1782/6070 Unidade Regional 10 Vitória da Conquista – Rua Sete de Setembro, 140, Centro, Cep 45.015-340, Telefax: (77) 3424-1600, e-mail: vconquista@ba.sebrae.com.br Brumado – Rua Dr. Mário Meira, nº 79, Centro – Brumado/BA – 46100-000 – Tel.: (77) 3441-3699 Fax: (77) 3441-3543

Unidade Regional 4 Ilhéus – Av. Dois de Julho, nº 1039, Térreo, Centro – Ilhéus/BA – 45653-040 – Tel.: (73) 3634-4068 Fax: (73) 3251-1023 Itabuna – Av. Francisco Ribeiro Júnior, nº 198, Edifício Atlanta Center, Centro – Itabuna/BA – 45600-921 Telefax: (73) 3613-9734

Valença – Rua Barão de Jequiriçá, nº 297, Galeria Central, Centro – Valença/BA – 45400-000 Tel.: (75) 3641-3293 – Fax: (75) 3641-3286

Unidade Regional 5 Jacobina – Rua Senador Pedro Lago, nº 100, salas 01/ 02,Centro – Jacobina/BA – 44700-000 Telefax: (74) 3621-4342 Senhor do Bonfim – Rua Benjamim Constant, nº 12, Centro – Senhor do Bonfim/BA – 48970-000 Tel.: (74) 3541-3046

Seabra – Rua Horácio de Matos, nº 25, salas 01/02, Centro Seabra/BA – 46900-000 – Telefax: (75) 3331-2368 / 1679

Ipiaú – Praça João Carlos Hohllenwerger, nº 39, Centro – Ipiaú/BA – 45570-000 – Tels.: (73) 3531-5696/6849

Unidade Regional 9

Escritório Qualicultura

Teixeira de Freitas – Av. Presidente Getúilio Vargas, nº 3986, Centro – Teixeira de Freitas/BA – 45995-002 Tels.: (73) 3291-4333/4777

Salvador/Pelourinho – Rua das Laranjeiras, nº 28, cs 2, Terreiro de Jesus – Pelourinho – Salvador/BA 40026-230 – Telefax: (71) 3321-9507

22 | Revista Conexão • Julho/Agosto de 2012 • Nº 198

Unidade Regional 8 Irecê – Rua Coronel Terêncio Dourado, nº 161, Centro – Irecê/BA – 44900-000 – Tel.: (74) 3641-3991 Fax: (74) 3641-4206

Guanambi – Av. Barão do Rio Branco, 292, Centro – Guanambi/BA - CEP: 46.430-000 (77) 3451-4557 Itapetinga – Av. Itarantim, nº 178, Centro – Itapetinga/BA – 45700-000 – Tel.: (77) 3261-3509 Jequié – Rua Felix Gaspar, nº 20, Centro – Jequié/BA 45200-350 – Tel.: (73) 3525-3552 – Fax: (73) 3525-3553


>Baixe o aplicativo do Sebrae na App Store.

Adriano Araújo, propriet ário da Aerocargas

Há 40 anos o Sebrae escreve histórias de sucesso. É hora de escrever a sua.


Revista Conexão Bahia 198