Page 1

Mar/Abr 2012 | Nº 196

3 mil vagas gratuitas qualificam negócios para a Copa | 12 e 13 Jornalistas recebem prêmio por matérias sobre empreendedorismo |

6

Pesquisa revela perfil do consumidor da Baixa dos Sapateiros | 7


O Ã S S E L E AGORA

A I C Í T O AN

www.premiosebrae.com.br

Vasconcelos. na Hercog e Pablo Silvana Oliveira, Bru Donaldson Gomes,

O Sebrae Bahia parabeniza os vencedores da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo (4a. edição) por colocarem em pauta o empreendedorismo baiano.

Jornalismo Impresso Donaldson Gomes Fernando Amorim Raul Spinasse Abertura de empresas custa 29 dias e R$ 800 na Bahia (Jornal A Tarde)

Radiojornalismo

Webjornalismo

Telejornalismo

Silvana Oliveira Renato Cordeiro

Bruna Hercog

Pablo Vasconcelos Priscila Lima Robério Valverde Fernando Pereira Ailton Nery Jermison Pereira

Debate M&T Internacionalização das Micro (BandNews FM Salvador)

De autônomo a empreendedor: o sonho se torna realidade (Gente&Mercado)

Quem Disse - Formalização (TV São Francisco)

Os vencedores agora concorrem à premiação nacional. Apoio:

Correalização:

Realização:

www.ba.sebrae.com.br | 0800 570 0800


sumário |

Feira do Empreendedor presta homenagem aos parceiros pelo 8 tricampeonato

Encontro internacional trará 18 países compradores 9 a Salvador

Pesquisa revela que legalização gera aumento nas vendas

14

“O apoio às MPE é uma grande alternativa para fomentar o desenvolvimento local, gerar 18/19 oportunidades, emprego e inclusão social”

endereços ÚTEIS

expediente |

Receita Federal – Delegacia da Receita Federal em Salvador | Rua Alceu Amoroso Lima, nº 862, 9º andar, Caminho das Árvores / Tel (71) 3416-1301 / Segunda a sexta, das 7 h às 18 h / www.receita.fazenda.gov.br Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia – INFAZ Iguatemi | Av. Juracy Magalhães, nº 1790, Rio Vermelho, CEP 41745003 / Tel (71) 3358-0959 0800-710071 / Segunda a sexta, das 8h30min às 12h e das 13h30min às 18h / www.sefaz.ba.gov.br Secretaria Municipal da Fazenda | Rua das Vassouras, nº 1, Centro, Salvador (BA), CEP 40020-020 / Tel (71) 2101-8234 / www.sefaz.salvador.ba.gov.br JUCEB – Junta Comercial do Estado da Bahia | Rua Miguel Calmon, nº 28, Comércio, Salvador (BA), CEP 40015-010 / Tel (71) 3326-8080 / Segunda a sexta das 9h às 16h / www.juceb.ba.gov.br SUCOM – Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município | Av. Antônio Carlos Magalhães, nº 3244, Iguatemi - Edf. Empresarial Thomé de Souza – Salvador (BA) / Tel (71) 2201-6900 / www.sucom.ba.gov.br Sebrae – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado da Bahia | Rua Horácio César, nº 64, Dois de Julho, Salvador (BA), CEP 40060-350 / PABX (71)3320-4300 / www.ba.sebrae.com.br Cartórios de Registro de Títulos e Documentos e de registro Civil das Pessoas Jurídicas 1º Ofício – Rua Arquimedes Gonçalves, nº 02, Jardim Baiano, Salvador (BA) / Tel (71) 33225092 / 8h30min às 12h e 13h30min às 18h 2º Ofício – Rua Conselheiro Dantas, nº 22/24, Edf. Bradesco, 7º andar, salas 705 e 706, Comércio, Salvador (BA) / Tel (71) 3241-0612 / 8h30min às 18h Registro de Empresas O registro das empresas comerciais, exceto Sociedade Simples, poderá ser feito no SAC EMPRESARIAL – Salvador / Multishop Boca do Rio | Av. Otávio Mangabeira, s/ nº, Boca do Rio, Salvador (BA) / Tel (71) 3281-4141 (Administração) e 3281-4142 (Sebrae)

Publicação filiada à Aberje


jun/jul 2012

agendaCURSOS - Programação Junho/2012 CURSO Internet para Pequenos Negócios Análise e Planejamento Financeiro Gestão de Estoque Treinamento Gerencial Básico Formação de Preços PALESTRAS Planejando a Abertura de sua Empresa Entendendo Custos, Receitas e Despesas de sua empresa. PROGRAMA PRÓPRIO Palestra Portas Abertas Palestra Portas Abertas Módulo I – Despertando o Empresário Módulo II – Coletando Informações Módulo III – Conhecendo o seu Negócio Oficina de Crédito EI Oficina de Crédito Micro e Pequena Empresa

PERÍODO 11/06 a 15/06 11/06 a 15/06 11/06 a 15/06 25/06 a 29/06 25/06 a 29/06 PERÍODO 13/06

HORÁRIO 18:30 às 21:30h 14:00 às 17:00h 14:00 às 17:00h 18:30 às 21:30h 18:30 às 21:30h HORÁRIO 10:00 às 12:00h

CURSO Treinamento Gerencial Básico Gestão Visual de Lojas Formação de Preços Análise e Planejamento Financeiro Gestão de Estoque Gestão de Pessoas PALESTRAS Entendendo Custos, Receitas e Despesas de sua empresa. Acredite: Empreender é o melhor Negócio Planejando a Abertura de sua Empresa PROGRAMA PRÓPRIO Palestra Portas Abertas Palestra Portas Abertas Módulo I – Despertando o Empresário Módulo II – Coletando Informações Módulo III – Conhecendo o seu Negócio Oficina de Crédito EI Oficina de Crédito Micro e Pequena Empresa

PERÍODO 09/07 a 13/07 09/07 a 13/07 09/07 a 13/07 16/07 a 20/07 16/07 a 20/07 16/07 a 20/07 PERÍODO

HORÁRIO 18:30 às 21:30h 18:30 às 21:30h 18:30 às 21:30h 18:30 às 21:30h 18:30 às 21:30h 08:00 às 11:00h HORÁRIO

04/07

10:00 às 12:00h

20/06

10:00 às 12:00h

PERÍODO 04/06 11/06 13/06 14/06 28/06 05/06/2012

HORÁRIO 14:00 às 16:00h 14:00 às 16:00h 13:30 às 17:30h 13:30 às 17:30h 13:30 às 17:30h 18:00 às 22:00h

04/06/2012

18:00 às 22:00h

- Programação Julho/2012

Euvaldo Rosa vence Prêmio Prefeito Empreendedor

20/21

Rede de empresas estimula associativismo no oeste da Bahia

11/07

10:00 às 12:00h

25/07 PERÍODO 04/07 09/07 11/07 12/07 26/07 05/07/2012

10:00 às 12:00h HORÁRIO 10:00 às 12:00h 10:00 às 12:00h 13:30 às 17:30h 13:30 às 17:30h 13:30 às 17:30h 18:00 às 22:00h

04/07/2012

18:00 às 22:00h

Blog do Empretec http://empretec.sebrae.com.br

22

Informações e Pré-Inscrições no site: http://educacao.sebrae.com.br programação mensal no nosso site: De segunda a sexta, das 8h às 20hs. www.ba.sebrae.br 0800 570 0800 Pelourinho: 3320.9624 | 3320.9607 | Fax: 3320.9620 Itapagipe/Outlet Center: 3312.0151 | 3310.5253 | Fax: 3312.0170 Liberdade: 3242.6613 | 3242.7303 | 3243-6517 | Fax: 3243.6517

Publicação do Sebrae/Ba para o Empreendedor Baiano, nº 196, Março / Abril de 2012 Presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Bahia

João Martins da Silva Júnior Diretor-Superintendente

Edival Passos Diretores

Lauro Alberto Chaves Ramos e Luiz Henrique Mendonça Barreto Coordenação da Unidade de Marketing e Comunicação

Cássia Montenegro DRT 1052 Edição

Carla Fonseca

Reportagens

Carla Fonseca, Carlos Baumgarten, Débora Vicentini, Fábio Vasconcelos, Fátima Emediato, Juliana Souza, Laiana Menezes, Maria Clara Lima, Mariana Flores, Renata Smith Nara Zanelli, Cristhiane Castro, Aloísio Pontes, Tamara Leal, Silvia Silva e Verena Santana

Revisão

Carlos Baumgarten e Fábio Vasconcelos

Marketing

Alice Vargas, Mauro Viana, Priscila Mafra e Rafael Pastori

Estagiários

Amanda Nunes, Fábio Lima, João Aguiar Neto e Uila Ferreira

Capa

Mário Sérgio

Projeto e Editoração Gráfica

Autor Visual Design Gráfico, Telefax: 71 3232.2722

Tiragem

15.000 exemplares

E-mail

comunicacao.sebrae@ba.sebrae.com.br

Cartas

Unidade de Marketing e Comunicação Rua Horácio Cézar, nº 64, Bairro Dois de Julho, Salvador-BA CEP: 40060-350

Telefones

(71) 3320-4558 / (71) 3320-4367

Fax

(71) 3320-4496

Agência Sebrae de Notícias

www.ba.agenciasebrae.com.br


Imprensa |

Prêmio Sebrae de Jornalismo Bahia

Jornalista​s recebem prêmio por matérias sobre empreendedorismo

| Parcerias: Sebrae e Revista Imprensa

Profissionais serão representantes da Bahia na etapa nacional em Brasília

Foto: Mário Sérgio

A

Foto: André Carvalho

s emocionantes histórias de trabalhadores autônomos que transformaram em realidade o sonho de serem empreendedores foram destaque na reportagem vencedora na categoria webjornalismo da etapa baiana da quarta edição do Prêmio Sebrae de Jornalismo. Os vencedores nas categorias jornalismo impresso, radiojornalismo e telejornalismo também foram conhecidos na solenidade realizada no dia 3 de maio, em Salvador. Na Bahia, dos 49 trabalhos inscritos, 18 foram finalistas nas quatro categorias. Os vencedores estaduais receberam das mãos do diretor-técnico do Sebrae, Lauro Ramos, certificado, troféu e um tablet e vão disputar a etapa nacional no dia 3 de julho, em Brasília. O superintendente do Sebrae Bahia, Donaldson, Silvana, Bruna e Pablo Edival Passos, não participou do evento se legalizar e adquirir um crédito bancário em virtude de compromissos em Brasília, Os vencedores para comprar máquinas industriais. mas fez questão de gravar uma mensagem estaduais vão Uma reportagem dando dicas de como aos jornalistas. Lauro Ramos, parabenizou disputar a etapa reduzir custos na hora de abrir uma micro os participantes e afirmou que o prêmio desenvolve o estímulo ao empreendedorisnacional, no dia 3 e pequena empresa foi a vencedora na mo e com isso ajuda no desenvolvimento de julho, em Brasília categoria jornalismo impresso. Escrita por Donaldson Gomes, do Jornal A Tarde, a das micro e pequenas empresas na Bahia. reportagem levantou que a abertura de uma micro ou Com o título “De autônomo a empreendedor: o sonho se pequena empresa dura em média 29 dias e custa entre torna realidade”, a repórter Bruna Hercog, do site Gente & R$ 797 e R$ 875,95. “Das três reportagens que inscrevi Mercado, contou as histórias da cabeleireira Jutaice Pereira, no prêmio esta foi a mais difícil, porque existem muitas do dono de bar José Carlos Nascimento e do marceneiro peculiaridades que variam de uma atividade para outra José Augusto da Silva Côrtes. “Além de falar da formana hora de abrir uma empresa. O mais importante foi lização eu investiguei e contei a história de vida dessas mostrar como o pequeno empreendedor pode superar pessoas. O que mais me chamou a atenção foi constatar as dificuldades”, contou Donaldson. que existe a esperança e também a possibilidade de tornar Dicas de como as micro e pequenas empresas podem realidade o sonho de ser empreendedor”, destacou Bruna. iniciar a exportação foi o tema da reportagem vencedoA equipe do repórter Pablo Vasconcelos formada por ra na categoria radiojornalismo. Os jornalistas Silvana Priscila Lima, Robério Valverde, Fernando Pereira, Ailton Oliveira e Renato Cordeiro, da rádio Band News FM, de Nery e Jermison Pereira, da TV São Francisco, afiliada da Salvador, mostraram o sucesso do empresário Eduardo Rede Bahia em Juazeiro, norte do Estado, Sá, diretor da fábrica de arames Aramita, que está em também contou as transformações na vida seu terceiro contrato de exportação. Silvana disse que de trabalhadores autônomos depois que eles a decisão de falar de mercado internacional se deve ao buscaram a legalização através do registro fato de que muitas micro e pequenas empresas ainda têm como Empreendedores Individuais. A repormedo de exportar. “Hoje existem caminhos que facilitam tagem entrevistou a costureira Jinelandia as vendas para outros países. Mostramos também que o Silva, que trabalhava em um atelier planejamento é fundamental”, disse. improvisado em casa e aumentou a sua clientela Inscrições de 2012 iniciam em setembro depois de As inscrições para este ano serão iniciadas em setembro. O principal objetivo do Prêmio Sebrae de Jornalismo é incentivar a produção de matérias e reportagens relacionadas a empreendedorismo, cooperação, competitividade, inovação, inclusão produtiva, sustentabilidade e políticas públicas. Outras informações 6 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 sobre o Prêmio estão disponíveis em: www.premiosebrae.com.br.


Estudo |

Consumidor Salvador | Bahia

|

Pesquisa identifica perfil do consumidor da Baixa dos Sapateiros De olho na Copa do Mundo, lojistas da região serão capacitados para adotar mudanças com base nos resultados do levantamento

A

o som do samba de Ary Barroso “Na Baixa do Sapa-

deram confecções e 8,81%, eletrodomésticos. Com esta

teiro”, que trouxe fama ao bairro, os empresários da

constatação, os empresários já sugerem aumentar o mix

localidade receberam o resultado oficial da Pesquisa

de produtos nas lojas de confecção. “As mulheres gostam

de Comportamento do Consumidor da Baixa dos Sapateiros

de variedade. Por isso temos que oferecer outras opções

e Barroquinha. O encontro foi realizado no dia 26 de abril,

para atrair mais clientes. Pensamos até mesmo em fazer

no auditório do Senac, e mostrou, a partir de análise dos

compras conjuntas”, disse o vice-presidente da Associação

indicadores, que os comerciantes desejam mudanças.

dos Lojistas da Baixa dos Sapateiros, Barroquinha e Adjacências (Albasa), Élson Pastore.

Com base na pesquisa, os empresários vão promover ações que fidelizem os clientes e aumentem as vendas. Os lojistas terão consultorias individuais e participarão de capacitações, oferecidas pelo Sebrae, como oficinas de

Com base na pesquisa, os empresários vão promover ações que fidelizem os clientes e aumentem as vendas

A pesquisa mostrou também que o meio de locomoção mais usado pelos consumidores da Baixa dos Sapateiros é o ônibus, com 71,73%, e 15,9% vão até a região caminhando. Com estas informa-

Gestão Empresarial, Financeira, de Recursos Humanos,

ções, o presidente da Albasa, Ruy Barbosa Barreto, contou

de Vendas e de Merchandising. “O principal objetivo é

que os comerciantes já vão direcionar as propagandas para

dar aos lojistas uma visão empresarial do seu negócio,

dentro dos ônibus, nos chamados Bus TV. “Também estamos

através de um projeto de capacitação e consultoria que traz

conversando com a prefeitura para ampliar o número de

resultado comprovado, preparando os empresários para a

linhas de ônibus para a região”, informou Élson Pastore.

Copa do Mundo”, explica a gestora do projeto de Comércio

Depois da apresentação da pesquisa, o consultor do

e Serviço do Sebrae em Salvador, Aparecida Rosado.

Sebrae, Cláusio Cedraz, proferiu palestra com o título

A pesquisa ouviu 283 consumidores em novembro de

“O Processo de Mudança”. Segundo ele, para promover

2011, durante uma semana, em dias alternados. Perguntados

mudanças e conseguirem se manter no mercado, os

sobre qual o principal produto ou serviço que procuram na

empresários precisam inovar, o que só será possível com

Baixa dos Sapateiros, 61,66% dos consumidores respon-

parcerias e ações conjuntas.

Veja outros indicadores apontados na pesquisa

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 7


Feira do Empreendedor |

Destaque

Feira do Empreendedor presta homenagem aos parceiros pelo tricampeonato Reconhecimento foi pela atuação no evento, considerado melhor do Brasil Fotos: Robson Nascimento

“C

www.ba.agenciasebrae.com.br

arlinhos Brown, você e a Feira do Empreendedor são a síntese do empreendedorismo baiano. Sua contribuição com o nosso evento foi fenomenal”. Com este discurso, o superintendente do Sebrae, Edival Passos, convidou o primeiro parceiro empreendedor homenageado. O evento de homenagem aos parceiros e colaboradores pelo tricampeonato da Feira do Empreendedor aconteceu, em março, no Unique Eventos, em Salvador, e contou com a participação de instituições públicas e empresas privadas. No início do mês de março, a Feira do Empreendedor Bahia recebeu, pela terceira vez consecutiva, o título de melhor do Brasil e esta solenidade teve o objetivo de destacar os principais responsáveis por este feito: parceiros, colaboradores e fornecedores do Sebrae. “Essa conquista é de todos vocês apoiadores e se deve também ao espírito intraempreendedor dos colaboradores do Sebrae”, vibrou Edival Passos.

Ao receber seu troféu, Brown agradeceu. “Ao me escolher para participar da campanha publicitária da Feira, o Sebrae destacou o empresário que existe em um músico como eu. Não há dinheiro que pague a gratificação de ver o destaque nacional do evento”, disse o músico e empresário. O Secretário de Planejamento do Estado da Bahia, José Sérgio Gabrielli, recebeu a homenagem destinada ao governador do Estado, Jaques Wagner. “Esta classificação que o Sebrae Bahia recebeu é fruto da força do empreendedorismo e da energia adequada dos parceiros e colaboradores para a realização da Feira. Tenho orgulho em representar o governador neste momento de celebração e conquista, que mostra a vitória do empreendedor”, agradeceu Gabrielli. Além do músico e do Governo do Estado, receberam homenagem outros 58 parceiros considerados fundamentais para a vitória, entre empresas e órgãos públicos, além dos patrocinadores. Após as 60 homenagens o evento comemorativo contou com as participações musicais da banda Pracatum, Nelson Rulfino e Gerônimo. A solenidade de agradecimentos encerrou a programação de comemoração pela conquista do tricampeonato da Feira do Empreendedor. Durante o dia, os colaboradores e parceiros participaram também das palestras “Os dez anos da Nova Classe Média”, com o sócio-diretor do Data Popular, Wagner Sarnelli, e “Agentes financeiros e sua elaboração de projetos”, com o diretor da Associação Brasileira de Captadores de Recursos, Ricardo Falcão, que aconteceram durante o dia no auditório da Fieb.

Interatividade Sebrae Mercado do Empreendedor Individual

Trabalhe Conosco: Convocações

O Sebrae acaba de divulgar a pesquisa Mercado do Empreendedor Individual da Bahia, que retrata o perfil dos EI no estado com dados sobre escolaridade, gênero e setores de atuação, entre outros. Acesse o estudo e saiba também como os Empreendedores Individuais atuam em questões relacionadas ao preço dos produtos/serviços, estratégias de vendas e de divulgação do negócio e estoque. http://www.sebrae.com.br/uf/bahia/SONDAGEM%20MERCADO%20EI%20%281%29.pdf

Agora, no Portal do Sebrae Bahia, você pode acompanhar as convocações dos últimos processos seletivos realizados pela instituição. Com provas aplicadas no início de 2012, foram selecionados trainees, assistentes e analistas, que estão sendo convocados de acordo com as necessidades da instituição. Os processos seletivos têm validade de um ano, com possibilidade de renovação pelo mesmo período. Acesse e acompanhe as convocações. http://www.sebrae.com.br/uf/bahia/sebrae-bahia/ trabalhe-conosco-1/empregados-e-trainees

Curso ajuda a desenvolver o potencial empreendedor O Empretec é um programa de 60 horas que amplia as habilidades de criação e administração dos empreendedores, destacando os pontos fortes e minimizando os pontos fracos. O objetivo do programa, que é indicado a empresários que querem melhorar os seus negócios e àqueles que planejam iniciar um empreendimento, é desenvolver o espírito empreendedor. Acesse o site para ter mais informações e fazer o seu cadastro online. http://www.sebrae.com.br/uf/bahia/produtos-e-servicos/empretec

www.ba.sebrae.com.br

8 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196


Tecnologia da Informação |

Encontro internacional | Negócios Salvador | Bahia

|

Encontro internacional trará 18 países compradores a Salvador Empresários do Nordeste vão ter a oportunidade de participar de encontro com 50 compradores de 18 países, que acontece em outubro Foto: André Carvalho

Oportunidade para o setor de Tecnologia da Informação e Comunicação

Dentro dos setores considerados potenciais para conquistar o mercado internacional está o de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). De acordo com Mônica Romero, o setor de TIC é um dos mais beneficiados com a situação econômica mundial, já que depende, por exemplo, da compra de equipamentos de ponta para o desenvolvimento de seus produtos e serviços. O setor de TIC na Bahia recebe apoio de diversas instituições, que incluem, além do Sebrae, a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) e o Banco Ins empresários nordestinos terão uma grande teramericano de Desenvolvimento (BID). Os empresários oportunidade de estar frente a frente com presentes à palestra da professora Mônica Ramiro, além compradores de outros países durante o XVI de conhecerem o funcionamento do EINNE, puderam Encontro Internacional de Negócios do Nordeste (EINNE), comprovar a continuidade das ações do Sebrae. que vai acontecer em Salvador, entre os dias 23 e 25 de A gestora do projeto de TIC de Salvador e Região outubro. Com o intuito de sensibilizar os empresários do Metropolitana do Sebrae Bahia, Sami Melo, apresentou setor de Teconologia da Informação e Comunicação desse as ações previstas para as novas fases dentro do triênio setor para a participação no evento, com a consequente 2012-2015. Segundo ela, haverá uma continuidade de iniinternacionalização de suas empresas, a professora da ciativas referentes, principalmente, à gestão, qualificação, Fundação Getúlio Vargas (FGV), Mônica Romero, micertificação e acesso a mercado. A meta é que, pelo menos, nistrou palestra sobre as possibilidades abertas dentro 90 empresas sejam atendidas, dentro de ações específicas do atual contexto econômico mundial. aplicadas à realidade de cada negócio. O evento aconteceu no dia 25 de abril, Já a gerente do Centro Internacional em Salvador. “Com nossa moeda de Negócios da Fieb, Patrícia Orrico, falou Desde o ano passado, o EINNE, que sobre o Programa de Internacionalização mais fortalecida, acontecia em Fortaleza (CE), tornou-se das Micro e Pequenas Empresas da Bahia. um evento itinerante. A última edição temos maior poder de Patrícia afirmou que a meta é atender foi realizada na cidade de Olinda (PE) compra, tanto dentro, 200 empresas, entre 2012 e 2013, através e, neste ano, o evento acontece em quanto fora do País” de ações voltadas, principalmente para Salvador. São esperados 50 compradoacesso a mercado, a exemplo de missões empresariais. res internacionais de 18 países, além de 50 ofertantes, Para o empresário Raimundo Valente, diretor da formados por micro e pequenas empresas nordestinas Infocraft, a possibilidade de participar da palestra foi de diversos setores. fundamental para que ele obtivesse outra visão do proDe acordo com a professora, as crises do euro e cesso de internacionalização. “Fomos levados a analisar do dólar, aliadas ao fortalecimento do real no contexto todo o contexto global da economia e comprovar que o mundial, favorecem as empresas brasileiras que planejam momento é oportuno para expandir”, disse. A Infocraft se internacionalizar. “Com nossa moeda mais fortalecida, desenvolve produtos e serviços na área de TIC, com foco temos maior poder de compra, tanto dentro, quanto fora em gestão. Atualmente, a empresa atua, além da Bahia, do País”, destacou Mônica. em Sergipe, Pernambuco e Espírito Santo.

O

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 9


microMICRO Artesãos de Casa Nova fecham negócios na Expovale Juazeiro - A Empreendedora Individual Adinória Nogueira usa o couro de caprinos e ovinos para dar formatos diferenciados a cintos, bolsas e arranjos de cabelo. Ela sempre trabalhou como artesã e, há pouco mais de um ano, pensando nos benefícios previdenciários, resolveu formalizar o trabalho e se legalizou como EI. A artesã integrou o grupo de profissionais da cidade de Casa Nova que mostraram artigos de artesanato durante a Exposição de Caprinos e Ovinos do Vale do São Francisco (Expovale), ocorrida entre os dias 26 e 29 de abril, em Juazeiro. Estes profissionais fazem parte da Associação de Artesãos de Casa Nova e começaram a receber capacitações através do Projeto Território da Cidadania no Sertão do São Francisco, que tem o artesanato como um dos focos associados ao Turismo. “O artesanato precisa mostrar a identidade da cultura local e ter cada vez mais qualidade para ser oferecido ao turista”, comenta a gestora do Sebrae no Projeto Território da Cidadania no Sertão do São Francisco, Audeni Souza.

Sebrae realizou 34 palestras na Expoagri Irecê – A 14ª Expoagri (Exposição Agropecuária da Região de Irecê), realizada em abril, contou com atendimento empresarial e palestras oferecidas pelo Sebrae. No total, 680 pessoas participaram das 34 palestras sobre atendimento, controles financeiros, marketing e vendas. No estande do Sebrae, além de palestras e do atendimento empresarial, foram expostos produtos de empresas e associações atendidas pela instituição. A cachaça Abaíra, desenvolvida pela Cooperativa dos Produtores Associados de Cana e seus Derivados (Coopama), foi um dos produtos expostos.

Foto: Divulgação

Caravana do baixo sul participa da Expo Brasil 2012

Foto: Divulgação

Pratigi - Divulgar o artesanato feito de piaçava e abrir novos mercados. Foi com esse objetivo que uma caravana de 45 profissionais entre empreendedores e agentes de desenvolvimento local de Pratigi, baixo sul da Bahia, participou da 10ª Expo Brasil Desenvolvimento Local. O evento aconteceu de 25 a 27 de abril, no Centro de Convenções Brasil 21, em Brasília. A caravana do Território da Cidadania do Baixo Sul – que congrega 13 municípios – foi composta por cooperativas, associações e parceiros do Sebrae.

Miguel Calmon recebe Sala do Empreendedor

Foto: Divulgaçã o

Miguel Calmon - Empreendedores Individuais e empresários de micro e pequenas empresas do município de Miguel Calmon, norte da Bahia, ganharam um espaço inédito para formalizações e informações sobre empreendedorismo. O município foi o primeiro da Regional do Sebrae em Jacobina a inaugurar a Sala do Empreendedor. O espaço é dedicado à orientação de empreendedores, apoio ao desenvolvimento da economia local e incentivo à formalização de novas empresas. O município de Miguel Calmon já contabiliza mais de 400 Empreendedores Individuais. De acordo com o coordenador da Unidade Regional do Sebrae em Jacobina, Geronilson Ferreira, após a instalação da Sala do Empreendedor foi possível observar os avanços na simplificação de procedimentos junto às micro e pequenas empresas. “Avançamos nos processos, orientações sobre negócios e legalização de empreendimentos. Com a configuração em um único espaço, proporcionamos informações e evitamos que os empreendedores se desloquem para Unidade Regional que fica em Jacobina. É de fato o espaço de desenvolvimento do município, o nosso elo, a nossa referência”, explica. A ação é uma parceria entre o Sebrae e a prefeitura local, que cedeu o espaço e disponibilizou o Agente de Desenvolvimento Carlos Téogenes do Nascimento como responsável pelo atendimento na Sala do Empreendedor. 10 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196


Brasil Bahia

|

Foto: André Oliveira

Ex-camelô dá dicas para ser criativo

Palestras sobre neuromarketing mobilizaram mais de 2 mil universitários Teixeira de Freitas - Dentro do projeto de divulgação do Desafio Sebrae 2012, a Coordenação Regional de Teixeira de Freitas promoveu uma série de palestras sobre neuromarketing com o especialista Alex Born, em quatro cidades da região – Teixeira de Freitas, Itamaraju, Eunápolis e Porto Seguro. Foram oferecidas 2,2 mil vagas para universitários conhecerem mais sobre empreendedorismo, já que o neuromarketing ajuda os profissionais a aumentar seus potenciais, atingir metas e conquistar resultados em sua área de atuação.

Salvador - Buscando capacitação empresarial, cerca de 200 vendedores, colaboradores e lojistas do shopping Center Lapa compareceram no dia 10 de abril à palestra “David, uma lição de superação, marketing e vendas”, ministrada pelo empresário e consultor de marketing David Portes. O evento fez parte do lançamento da sexta edição do Projeto Somar, que conta com a parceria do Sebrae, e aconteceu no Othon Palace Hotel, em Salvador. “Eu tenho a certeza que este vai ser um início de uma grande parceria entre o Sebrae, os lojistas e os empresários”, afirma o gestor da Capacitação Empresarial do Sebrae, Fabrício Barreto. Sobre a parceria firmada, a coordenadora da Unidade Regional Metropolitana do Sebrae, Virginia Guimarães, garante: “Viemos de experiências exitosas com a Liquida Salvador e vamos continuar com o trabalho de capacitação e consultoria em shoppings e centros comerciais”. Durante a palestra, o ex-camelô David Portes contou sua história de vida, apresentou cases de sucesso e deu dicas de como se destacar no mercado. “A gente tem que inventar, surpreender e encantar nosso cliente. As pessoas têm que notar você”. David é dono de cinco empresas e atua na área de marketing e comunicação, além de dar palestras no Brasil e exterior.

Oficina do Empreendedor atrai cerca de 2 mil pessoas em Barreiras Oeste - Odair Xavier é ambulante e trabalha vendendo pastel há 10 anos no centro de Barreiras, Oeste da Bahia. Mesmo com uma clientela fiel, ele sentiu que poderia conquistar a confiança de futuros consumidores, melhorando a estrutura do carrinho que usa para fritar e comercializar os pastéis. Por isso, resolveu se matricular no minicurso do Sebrae na Oficina do Empreendedor, que aconteceu de 26 a 28 de abril. Odair teve 16 horas de aula teórica, mais duas de consultoria individualizada. “Exigindo qualidade desde o fornecedor da matéria-prima à manipulação e entrega do produto, vou conseguir quebrar o preconceito de que lanche de vendedor ambulante não tem boa procedência”, conta. Segundo o coordenador da Regional Barreiras do Sebrae, Emerson Cardoso, foram três dias intensos de capacitação que subsidiou empreendedores e empresários de informação sobre gestão, inovação, crédito e tecnologia. “Tenho certeza que os participantes saíram entusiasmados para colocar as orientações em prática”, diz.

Empresas participam do Programa de Qualificação de Fornecedores Eunápolis - Os empresários de Eunápolis participantes do Programa de Qualificação de Fornecedores (PQF) começaram no dia 23 de abril o módulo “Gestão Empresarial: Finanças e Custos”, o segundo do programa. No total, 25 empresários participam do programa, que é uma parceria entre o Instituto Euvaldo Lodi na Bahia (IEL/BA), Sebrae e Veracel. O treinamento começou no dia 16 de abril, com o curso “Planejamento Estratégico”, também do módulo “Gestão Empresarial”. Durante todo o programa, as empresas receberão treinamento em grupo e consultoria individualizada, além de avaliação e monitoramento do desenvolvimento nas etapas. Ao final, as empresas serão certificadas quanto ao atendimento dos critérios do programa. Somente as empresas que atenderem 100% da avaliação do programa receberão o Certificado de Fornecedor Qualificado. Para isso, as empresas participantes passam por auditoria do Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), organismo certificador de sistemas habilitado pelo Inmetro, atestando que elas estão em conformidade com normas que se baseiam nas demandas das empresas-âncora (compradoras). Dentre as normas observadas, estão as práticas de Gestão Empresarial, Qualidade, Saúde e Segurança do Trabalho, Meio Ambiente e Responsabilidade Social.

microMICRO

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 11


Copa 2014 |

Programa qualifica 3 mil empreendedores baianos para a Copa

Parcerias: Sebrae, Secopa, Associação Brasileira da Indústria de Hotéis - Bahia, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes Bahia, Associações Legais de Vendedores Ambulantes e Baianas de Acarajé, Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Salvador e Litoral Norte, Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, Sest/Senat e Prefeitura de Salvador.

Fotos: Mário Sérgio

Projeto visa potencializar oportunidades de negócio surgidas com o mundial

O

Sebrae Bahia e a Secretaria Estadual para Assuntos da Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 (Secopa) firmaram um convênio para a execução do Programa Oportunidades Copa 2014. A iniciativa tem como objetivo promover a cooperação mútua, com foco na realização de ações de fortalecimento e incremento da competitividade dos empreendedores individuais e das micro e pequenas empresas. As ações estão divididas em três eixos: capacitação empresarial, certificação e acesso a mercado. A capacitação empresarial engloba 3.480 participantes entre Empreendedores Individuais e representantes de pequenas empresas: 2 mil taxistas, 1 mil vendedores ambulantes, 300 baianas de acarajé, 80 pequenos meios de hospedagem e 100 bares e restaurantes. “São esses empreendedores que têm o primeiro contato com os turistas e, ao passarem pelos cursos de qualificação, vão ficar mais preparados para atender clientes mais exigentes”, ressaltou a coordenadora da Unidade Regional Metropolitana do Sebrae, Virgínia Guimarães. A certificação empresarial realiza uma pré-auditoria de meios de hospedagens, bares e restaurantes para posterior certificação. Rodadas de Negócios com foco em comercialização de produtos e serviços, além da participação na Soccerex, feira internacional dedicada ao futebol, que acontece de 24 a 28 de novembro, no Rio de Janeiro, são as ações previstas para o eixo de acesso a mercado.    12 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

“Esse programa é uma espécie de integração interinstitucional para políticas públicas de grande relevância, pois a Copa ajuda a fazer essa conexão entre as organizações que oferecem capacitações”, ddestacou o secretário da Secopa, Ney Campello. Para ele, o mapa de oportunidades visa elevar o padrão de atendimento e serviços. “Já imaginaram os taxistas e baianas de acarajé falando outros idiomas?”, indagou.

Ambulantes e baianas já participam de capacitações As capacitações de vendedores ambulantes e baianas de acarajé já foram iniciadas. As primeiras turmas começaram a receber o treinamento em abril. O programa Oportunidades Copa 2014 prevê a capacitação gratuita de 1,3 mil trabalhadores, sendo 300 baianas de acarajé e 1 mil vendedores ambulantes, divididos em 44 turmas. Os cursos têm a duração de 20h e acontecem até outubro de 2012. Durante uma semana, os participantes são capacitados nas áreas de gestão empresarial, através dos módulos Sei Vender e Sei Comprar, informações sobre os benefícios de ser um Empreendedor Individual (EI), legislação, manipulação de alimentos, qualidade no atendimento e


Capacitação Salvador | Bahia

|

Atuação nacional

informações turísticas. “A capacitação prepara as baianas de acarajé e os vendedores ambulantes para o mercado, fazendo com que eles incrementem sua competitividade como empreendedores e passando conhecimento e informações para agregar valor ao seu trabalho”, explica a gestora do Programa no Sebrae, Maria Helena Garcia. Na primeira capacitação, a sanitarista e consultora do Programa Alimento Seguro, Eliana de Carvalho, falou sobre a higiene e manipulação dos produtos, visando a segurança dos alimentos, e destacou a importância das capacitações como fonte de aprendizado. “Essas capacitações devem ocorrer constantemente. Nelas, os manipuladores são sensibilizados a continuar desenvolvendo ações preventivas e retornam para seus pontos de venda e unidades de produção (suas residências) mais conscientes da importância das boas práticas na manipulação de alimentos”, diz. Os interessados têm até outubro para garantir vaga no treinamento. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nos Pontos de Atendimento do Sebrae em Salvador nas Mercês (Avenida Sete de Setembro, 261) e Itapagipe (Rua Direita do Uruguai, 753, Uruguai) ou pela Central de Relacionamento do Sebrae, no telefone 0800 570 0800. Para se inscrever, é necessário levar carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e o Documento de Arrecadação Municipal (DAM).

Baiana de acarajé quer aprimorar negócio Há 20 anos, a baiana Dulce Mary vende acarajé na Praça da Sé, em Salvador. O trabalho, que já é uma tradição de família há duas gerações, provê o sustento da casa. Pensando em melhorar seu negócio e aumentar os lucros, Dulce participou da primeira turma dos cursos gratuitos de capacitação para as baianas de acarajé do Programa Oportunidades Copa 2014, realizado entre 16 e 20 de abril, no auditório do antigo Sebrae, no Pelourinho. “Espero que esses cursos tragam benefícios. Cada vez que a gente vem, tem um aprendizado diferente, uma experiência nova. O que eu aprendo aqui, levo para a minha vida”, planeja Dulce.

Durante um mês, os holofotes do mundo estarão direcionados para as 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014. O evento, que será realizado entre 12 de junho e 13 de julho, já vem evidenciando diversas oportunidades de negócios, especialmente para as micro e pequenas empresas. Diante disso, o Sebrae Nacional desenvolveu um projeto, pensando não apenas na realização pontual da Copa, mas em todas as oportunidades que surgem antes, durante e depois do mundial de futebol. O projeto Sebrae 2014 tem por objetivo identificar, disseminar e fomentar as oportunidades de negócios a partir da Copa. Dessa forma, a instituição espera apoiar o desenvolvimento, a partir de requisitos de competitividade, das micro e pequenas empresas em setores priorizados, que foram levantados a partir de um mapeamento elaborado pela Fundação Getúlio Vargas, em 2011. Esse mapeamento foi feito de forma localizada, ou seja, em cada uma das 12 cidades-sede foram identificados potenciais setores que podem ser alavancados com a realização da Copa do Mundo. Para isso, o Sebrae atua dentro de sua expertise, promovendo ações de capacitação e consultoria para a área de gestão. Em Salvador, foram levantadas mais de 600 oportunidades, em nove setores. Em todas essas cidades, a instituição está oferecendo algumas de suas soluções, como o SebraeTec, Sebrae Mais, Negócio a Negócio, além de outros produtos desenvolvidos em parceria, como o Taxista Nota 10, que conta com o apoio do Sest/Senat (Serviço Social do Transporte/Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte).

Programa Oportunidades Copa 2014 CRONOGRAMA DE CURSOS PERÍODO

PÚBLICO

HORÁRIO

LOCAL

11/06 a 15/06 Ambulantes Souvenir

13h às 17h SEBRAE Outlet Center

11/06 a 15/06 Baianas de Acaraje

08h às 12h SEBRAE Mercês

11/06 a 15/06 Baianas de Acaraje

13h às 17h SEBRAE Mercês

18/06 a 22/06 Ambulantes Alimentos E Bebidas

08h às 12h SEBRAE Mercês

18/06 a 22/06 Ambulantes Alimentos E Bebidas

13h às 17h SEBRAE Mercês

09/07 a 13/07 Baianas de Acaraje

08h às 12h Sede do Bloco Malê Debalê

09/07 a 13/07 Baianas de Acaraje

13h às 17h SEBRAE Mercês

16/07 a 20/07 Ambulantes Souvenir

08h às 12h SEBRAE Mercês

16/07 a 20/07 Ambulantes Souvenir

13h às 17h SEBRAE Mercês

23/07 a 27/07 Ambulantes Souvenir

08h às 12h Sede do Bloco Malê Debalê

23/07 a 27/07 Ambulantes Alimentos e Bebidas

13h às 17h Sede do Bloco Malê Debalê

30/07 a 03/08 Ambulantes Souvenir

13h às 17h SEBRAE Pelourinho

06/08 a 10/08 Ambulantes Alimentos e Bebidas

08h às 12h SEBRAE Mercês

06/08 a 10/08 Ambulantes Alimentos e Bebidas

13h às 17h SEBRAE Mercês

13/08 a 17/08 Ambulantes Alimentos e Bebidas

08h às 12h SEBRAE Pelourinho

13/08 a 17/08 Ambulantes Alimentos e Bebidas

13h às 17h SEBRAE Pelourinho

20/08 a 24/08 Baianas de Acaraje

08h às 12h SEBRAE Outlet Center

20/08 a 24/08 Baianas de Acaraje

13h às 17h SEBRAE Outlet Center

27/08 a 31/08 Ambulantes Souvenir

13h às 17h SEBRAE Pelourinho

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 13


Pesquisa |

EI Formalização

Pesquisa revela que legalização gera aumento nas vendas Levantamento sobre o mercado do Empreendedor Individual na Bahia foi projeto-piloto e será expandido para todo o País

A

formalização como Empreendedor Individual (EI)

drigues, 31, que desenvolve sacolas de ráfia vendidas em

garante aumento nas vendas. Uma pesquisa feita

diversas feiras de Salvador e Lauro de Freitas. Ela atua

pelo Sebrae com esses profissionais na Bahia

nesse ramo há cerca de seis anos e viu na formalização

mostra que, depois de obterem o registro, o volume de

uma possibilidade de expandir o negócio. “Já venho es-

quem vende para pessoas jurídicas aumentou 78%. Os

tudando as alternativas há um bom tempo e vi que me

que realizam negócios com o governo tiveram cresci-

legalizar como Empreendedora Individual era o melhor

mento de 66%. Entre os que comercializam para pessoas

caminho. Posso buscar uma linha de crédito e emitir nota

físicas as vendas aumentaram em 10%. O acréscimo

fiscal. Isso nos permite procurar outros clientes com mais

se deve à possibilidade de emitirem nota fiscal, o que

segurança”, destaca.

eleva a demanda de seus produtos pelo governo e por outras empresas. A pesquisa Mercado do Empreen-

Programa de capacitação Para profissionalizar cada vez

dedor Individual, da Bahia, divulgada em abril, reúne informações de 152 Empreendedores Individuais. Ao todo, o Estado possui mais de 171 mil trabalhadores registrados na categoria. Esse levantamento é um projeto-piloto que o Sebrae vai realizar em todo o país. A pesquisa mostra ainda que

mais os Empreendedores Individuais

A pesquisa mostra ainda que os empreendedores precisam profissionalizar a gestão financeira de seus negócios

os empreendedores precisam profissionalizar a gestão financeira de seus negócios. Dos entrevistados, 57% calculam a margem de lucro; 51% analisam os preços dos concorrentes; e apenas 37% analisam seus gastos. “Nosso objetivo é entender de forma mais detalhada o universo dos mais de 2,2 milhões de empreendedores formalizados desde meados de 2009. Essas informações vão apoiar a construção de estratégias de atuação do Sebrae para melhor atender suas necessidades”, diz

O coordenador da Unidade de Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial do Sebrae Bahia, Roberto Evangelista, destaca que a pesquisa comprova a importância de o trabalhador se legalizar. “Com a formalização, esse empreendedor estará apto a vender para outras pessoas jurídicas, passa a emitir nota fiscal, além de poder ingressar no sistema público de Previdência. Ele só tem a ganhar com a formalização”, explica. Assim também pensa a empreendedora Bianca Ro14 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

programa de capacitação com cinco das sete soluções educacionais, criadas pelo Sebrae Nacional, nas áreas de finanças, vendas, gestão, empreendedorismo, compras e planejamento.

São as oficinas Sei Empreender, Sei Planejar, Sei Comprar, Sei Vender e Sei Controlar Meu Dinheiro. As oficinas acontecem das 8h às 12h, no Centro de Treinamento do Sebrae na avenida Sete de Setembro, 261, nas Mercês, em Salvador. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através da Central de Relacionamento do Sebrae (0800 570 0800) de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h.

o diretor-técnico do Sebrae Nacional, Carlos Alberto dos Santos.

o Sebrae Bahia está oferecendo um

o Foto: divulgaçã

|


Extremo sul |

Bahia

Empresas de Teixeira de Freitas recebem Destaque Empresarial Evento, que acontece há 20 anos, avaliou 1,5 mil empreendimentos indicados

A

seus negócios e, assim, continuem colaborando para o crescimento da economia da Bahia”, pontuou.

Visita ao extremo sul do Estado A programação de visita do superintendente do Sebrae, Edival Passos, ao extremo sul do Estado contemplou 13 eventos em quatro dias – de 11 a 14 de abril. As cidades visitadas foram: Porto Seguro, Itabela, Teixeira de Freitas, Eunápolis, Itamaraju e Itanhem. Palestras, visitas técnicas, encontro com entidades empresarias, assinatura de acordo de resultados e reuniões com equipe interna fizeram parte da agenda do superintendente na região. Para acompanhar os avanços da cafeicultura na região de Itabela, o superintendente visitou, no dia 12 de abril, a Associação de Pequenos Produtores do Cedim e o Viveiro São Francisco. Na oportunidade, ele assinou o Acordo de Resultados da parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Itabela, representado pelo seu presidente, Edinardo Oliveira, e com a Prefeitura. No dia 13 de abril, Edival Passos ministrou duas palestras que aconteceram no Hotel Jacarandá, em Teixeira de Freias, e na Câmara de Dirigente Lojistas de Itamaraju, além de assinar acordo de parceria para a nova sede do Sebrae, em Teixeira de Freitas. Vereadores, prefeito, entidades empresariais e líderes de instituições públicas compareceram ao evento para ouvir o executivo falar sobre empresários protagonistas, inovação e complexidade do ambiente empresarial. “Precisamos garantir a produção de conhecimento e entender que cada fenômeno traz infinitas reflexões e possibilidades de resolução. Estou falando isso para mostrar a complexidade dos negócios em um mundo globalizado e sem fronteiras”, afirmou o superintendente durante a palestra de Teixeira de Freitas.

Foto: divulgação

o todo, 126 empresas dos segmentos de comércio, prestação de serviços e indústria receberam o troféu do Destaque Empresarial, que aconteceu no dia 14 de abril, em Texeira de Freitas, extremo sul do Estado. A premiação, que ocorre há 20 anos, avaliou 1,5 mil empreendimentos indicados, além de quatro destaques especiais: Empresário do Ano, Empresária do Ano, Empresa Cidadã e Destaque Humanitário. O superintendente do Sebrae, Edival Passos, participou do evento que encerrou sua agenda de programação de visitas ao extremo sul do Estado, iniciada no dia 11 de abril. A escolha das empresas vencedoras é feita a partir de dois critérios de avaliação: pesquisa de opinião pública e gestão dos empreendimentos. Iniciando a distribuição dos prêmios do Destaque Empresarial, Edival Passos entregou ao representante da Associação dos Idosos, Muniz Bonfim, o Destaque Humanitário. O prêmio Empresário do Ano foi dividido entre Gilmar Guimarães Queiroz, sócio-proprietário da Construtora Eldorado, e Jadson Guerra, dono da Red Lanches. A Empresária do Ano foi Ticiana Scalzer, proprietária da Fabricatto/Hering e o Centro Especializado Odontológico (CEO) foi vencedor na categoria Empresa Cidadã. No evento, Edival Passos falou sobre a necessidade dos empresários obterem cada vez mais conhecimento para que seus negócios prosperem. “O protagonismo e a iniciativa são valores necessários aos empreendedores, para que eles vençam os novos desafios, ampliem os

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 15


Capacitação |

Profissional | Beleza

Foto: divulgação

Juazeiro | Bahia

Profissionais de beleza aprendem como fazer compras Oficina “Sei Comprar” foi oferecida a participantes de Juazeiro

A

cabeleireira Edite Moreira chegou à sala de reu-

cista Adriana Raimundo. “Envolvidos com o atendimento,

nião do Sebrae, em Juazeiro, querendo saber o

não nos damos conta de como é importante entender de

que fazer para não perder a sobra dos produtos

compras e preços”, afirma.

que compra para o salão. “Geralmente, o distribuidor só

Durante o encontro, através de dinâmicas de grupo

vende em grande quantidade. Eu já cheguei a perder

e discussões, os participantes compreendem todos os

produto por causa do prazo de validade”, disse. Basta-

elementos do processo de compra: o mercado, o cliente,

ram poucos minutos de conversas em grupo durante a

o fornecedor, o concorrente, o planejamento, o produto,

oficina “Sei Comprar”, para ela ouvir sugestões de outras

o preço, o prazo e a negociação. Assuntos bem atuais

participantes: dividir a compra dos produtos com outros

são discutidos, como a escolha entre os fornecedores que trabalham com produtos que não

profissionais do setor. A Oficina de Compras foi desenvolvida especialmente para que Empreendedores Individuais discutam e vivenciem estratégias para comprar bem e adquirir o que necessitam com a qualidade adequada. Além disso, os participantes devem conhecer os preços e os prazos de pagamentos

agridem o meio ambiente.

Nas cidades de Juazeiro e Paulo Afonso, estão programadas oficinas gratuitas como essa até o mês de outubro

A Unidade do Sebrae de Juazeiro está promovendo encontros semanais com grupos de profissionais para discutir, além de compras, as vendas, o empreendedorismo e o controle do dinheiro no negócio. Nas cidades de Juazeiro e Paulo

favoráveis para atender às necessidades de seus clientes

Afonso, estão programadas oficinas gratuitas como

e, assim, aumentar a lucratividade. A cabeleireira Ivete

essa até o mês de outubro.

Souza precisava melhorar o controle de gastos em seu

Os interessados devem fazer uma inscrição prévia

negócio e por isso fez a oficina. “Não resisto às promo-

nas unidades do Sebrae, já que o número de parti-

ções e, muitas vezes, compro produtos que nem vou

cipantes é de vinte empreendedores por grupo. Em

precisar”, comentou.

Juazeiro, o Sebrae fica no centro da cidade, na Praça

Neste evento, os profissionais da área de beleza

da Misericórdia (74 3612-0468). Em Paulo Afonso, o

foram o público alvo e a maioria das participantes fez a

Ponto de Atendimento é na Rua Amâncio Pereira, no

capacitação pela primeira vez. Este foi o caso da esteti-

Centro (75 3281-4333).

16 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

|


Turismo |

Seminário

Produção associada ao turismo faz inclusão dos pequenos negócios Seminário promove troca de experiência entre empresários do setor

D

Fotos: Va l Fotos Di

gital

anças africanas, capoeira, artesanato, comidas típicas dos descendentes de quilombos e o candomblé elétrico, fantoches com as imagens dos orixás, movidos a energia. Estas foram algumas das atrações do primeiro dia do II Seminário de Produção Associada ao Turismo – Promoção Comercial, que tem como realizadores o Sebrae e o Ministério do Turismo e aconteceu nos dias 17 e 18 de abril, na cidade de Ituberá, na Costa do Dendé, no Baixo Sul da Bahia. O evento reuniu exposição e comerO empresário Fawaz Abdel, da cialização de produtos regionais, além Associação Cultural e Social Flor do de visita técnica à produção associada “Viemos mostrar aos Serinhaém, levou para o Seminário ao turismo local na Fazenda Catassol, danças africanas e o candomblé empresários como Roça do Sr. Juvenal, restaurante Pedro elétrico, fantoches com imagens dos Sorriso e nos quilombos Olopunga/Zamnossa produção orixás movidos a eletricidade. “Viemos piapunga. Um dos objetivos do evento artística pode ajudar mostrar aos empresários como nossa foi discutir a importância estratégica da produção associada como ferramenta a manter o turista por produção artística pode ajudar a manter de acesso a mercados, o que contribui mais tempo na cidade” o turista por mais tempo na cidade”, destacou Abdel. para o aumento da competitividade dos destinos turísticos e promoção da inclusão de pequenos negócios na economia local. O seminário mostrou que, Respeito aos saberes locais além das praias, outras riquezas da região devem atrair Na abertura do Seminário o secretário de Turismo do o turista, como o artesanato, a gastronomia e as danças. Estado da Bahia, Domingos Leonelli destacou a parceria Para o coordenador da Unidade de Economia Criativa com o Sebrae para o desenvolvimento dos pequenos do Sebrae Bahia, José Elio de Souza, um dos pontos negócios locais ligados ao turismo. “Uma das belezas importantes do Seminário foi a troca de experiência desse trabalho que o Sebrae realiza é exatamente uma entre os empresários de turismo de várias partes da postura de respeito à comunidade e aos saberes dos loBahia. “Tivemos aqui reuniões entre os empresários do cais. Eles nos ensinam e há essa troca de aprendizagem turismo rural e do turismo de aventura. Também destacom os que vivem e produzem nessas comunidades e os co a participação de empresários de várias regiões do que produzem cultura, que muitas vezes são as mesmas Estado: Juazeiro, Chapada Diamantina, Paulo Afonso, pessoas”, destacou o secretário. Cachoeira, no Recôncavo Baiano, Feira de Santana, Roberval Galiza, representante do Instituto VotoranIlhéus e Itabuna”, informou. tim e Votorantim Energia, também destacou a parceria com o Sebrae. “Entendemos que, pela experiência e por todo case do Sebrae no País, ele nos ajudará a alavancar os negócios com as comunidades quilombolas e outras, que precisam melhorar a renda mensal, através desse aprendizado, dessa capacitação. A expectativa é grande”, afirma. Parcerias: Sebrae, Ministério do Turismo, Banco do Nordeste, Instituto Votorantim, Votorantim Energia, Secretaria de Turismo do Estado da Bahia, Bahiatursa, Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul da Bahia (Ides), Câmara Técnica de Turismo da Costa do Dendê, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-BA), Senac e Prefeitura de Ituberá.

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 17


“O apoio às MPE é uma grande alternativa para fomentar o desenvolvimento local, gerar oportunidades, emprego e inclusão social”

V

encedor da etapa nacional do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor por duas vezes consecutivas, na quinta e sexta edições, o prefeito de Cariacica, Helder Salomão, esteve em Salvador para lançar o livro “A Força dos Pequenos Negócios”. O evento fez parte das ações da etapa estadual do prêmio e aconteceu no dia 24 de abril, na Livraria Cultura do Salvador Shopping. Na oportunidade, Helder conversou com a Revista Conexão sobre a obra que tem prefácio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e traduz a experiência do prefeito, a partir do crescimento da cidade após investir no espírito empreendedor dos cidadãos. O livro-reportagem foi escrito pela jornalista Simony Leite Siqueira e é baseado em depoimentos, no qual os entrevistados conduzem a narrativa.

1.

O novo olhar sobre a micro e pequena empresa, com a aprovação da Lei Geral, foi decisivo para o desenvolvimento econômico da Cariacica? Com certeza. Nós assumimos o mandato em 2005 e, desde o início, colocamos como prioridade em nosso planejamento estratégico os temas da educação e desenvolvimento econômico com foco na micro e pequena empresa. Vimos no apoio às MPE uma grande alternativa de fomentar o desenvolvimento local, gerar oportunidades, emprego e inclusão social. Com apoio da equipe de governo, das entidades empresariais de Cariacica, e com um planejamento arrojado, nós conseguimos desenvolver muitas ações importantes que deram ao município o reconhecimento na área de políticas públicas voltadas às MPE.

2.

Governar é ser empreendedor? Porque?

Sem dúvida, pois se a gente governa sem inovar e sem empreender, a gente faz apenas o que os outros já fizeram. É preciso transformar sonhos em realidade, e é isso que a população espera de nós: que transformemos nossas ideias em projetos, e nossos projetos em ações em favor da população. E em Cariacica nós estamos tentando mostrar que é possível inovar, empreender e mudar a forma de governar, através de ações de alto impacto e baixo custo, trazendo resultados para melhorar a vida das pessoas.

3.

Os pequenos negócios são os grandes geradores de emprego. Quais as principais ações municipais que você desenvolveu em focadas neste segmento? Cariacica está desenvolvendo um projeto arrojado que nós chamamos de Rede Cariacica Empreendedora. Criamos uma rede de projetos de apoio às MPE que tem várias ações, como redução da carga tributária, 18 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

Fotos: André Carvalho

entrevista |


Entrevista | Conexão Helder Salomão | Prefeito de Cariacica

|

A parceria com o Sebrae é fundamental. O gestor público que não desenvolve ações em parceria com o Sebrae está perdendo tempo. Nessa parceria eu destaco, especialmente, as ações de capacitação e sobre como trabalhar melhor os programas de compras públicas. Eu considero que é muito importante que as cidades compreendam o papel que o Sebrae pode cumprir no fortalecimento dos pequenos negócios e desenvolvimento local.

6.

Cariacica foi a primeira cidade brasileira a aprovar a Lei Geral e capacitar empreendedores para tirá-los da informalidade. O resultado pode ser observado em quanto tempo?

política solidária e de estímulo ao associativismo, um bom programa de compras públicas e de acesso ao crédito, de qualificação profissional e criamos a Casa do Empreendedor, que é um espaço onde se resolve tudo. O empresário de Cariacica não precisa ir a várias repartições da prefeitura. Hoje é possível abrir uma empresa em Cariacica em até 24h e com alvará de três anos, que é outra inovação. Há ainda o Alvará Web, onde as empresas que não exigem relatório de impacto ambiental podem ser abertas em cinco minutos, através da internet. Outra ação é o Fique Legal, onde nós deslocamos uma unidade móvel e vamos até o empreendedor para resolver todas as questões de interesse deles.

4.

Qual foi a maior dificuldade encontrada no processo de desenvolvimento econômico dos pequenos negócios? O primeiro foi o descrédito do empresariado local de que fosse possível desenvolver políticas públicas voltadas às MPE. Para isso foi criado um fórum de discussões, que funciona até hoje. Segundo foi criar sinergia na equipe de governo. Todas as secretarias da prefeitura fazem parte da rede. O terceiro foi investir em capacitação, tanto dos servidores, quanto dos empreendedores e até dos contabilistas, pois são eles que resolvem a vida das empresas. Por fim, criar uma nova cultura, mostrando a importância da formalização, e dos benefícios de ser Empreendedor Individual e de uma empresa legalizada.

5.

Como se deu a parceria entre Sebrae e prefeitura? Você destacaria alguma ação de sucesso?

Temos colhido resultados a cada momento. Nosso projeto começou em 2006, mas especialmente a partir de 2008 os resultados começaram a ser ainda mais vigorosos e a cada ano nosso desafio é aprimorar permanentemente o trabalho que a gente faz. Um grande resultado é a liderança, nos últimos dois anos, na taxa de geração de emprego no Espírito Santo. Além disso, somos terceiro lugar em cadastro de EI no Estado, e estamos hoje entre as 40 cidades que mais cadastraram EI no país. Em seis anos de trabalho, abrimos mais de 4,5 mil MPE na cidade. Enfim, estamos vendo o município crescer a partir dessa política pública, que tem muito a ver com a Lei Geral, que é o grande instrumento que impulsiona o desenvolvimento dos municípios.

7.

Como surgiu a ideia de compartilhar a experiência através do livro?

Em conversa com a equipe, gestores de outras cidades e empreendedores, nós chegamos à conclusão de que seria importante fazer um registro dessa experiência, que estava com reconhecimento nacional. Então, a jornalista Simony Leite, que tem muita afinidade com nosso trabalho, topou o desafio. Foram 16 meses de trabalho até chegar à publicação. E o interessante é que o livro não é um relato oficial. É um material recheado de histórias de empreendedores e gestores públicos, são muitos depoimentos. É bastante dinâmico porque mistura as histórias dos empreendedores com a própria história da cidade e com a história da nossa gestão.

8.

Atualmente Cariacica é exemplo bem sucedido para os municípios do Brasil. Como você vê este destaque em nível nacional?

O objetivo principal é promover um intercâmbio de boas práticas. E nossa experiência, apesar de que ainda precisa ser aperfeiçoada, tem avanços importantes conquistados e que a gente considera fundamental que outras cidades no Brasil façam o que Cariacica está fazendo. Nós achamos muito relevante que as cidades registrem suas experiências, porque isso torna as ações conhecidas e estimula outras a fazerem projetos inovadores e empreendedores em seus municípios. Esse livro é uma contribuição que a cidade de Cariacica dá para a promoção do desenvolvimento dos pequenos negócios no Brasil. Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 19


Reconhecimento |

Euvaldo Rosa vence Prêmio Prefeito Empreendedor Prefeito de Santo Antônio de Jesus recebeu premiação por implantar programas de incentivo à formalização de pequenos negócios

O

Foto: Rodrigo de Oliveira

incentivo à formalização de micro e pequenas é um incentivo, um reconhecimento à equipe e à cidade”, empresas, ao registro dos Empreendedores Incomemora Euvaldo Rosa. dividuais e outras ações desenvolvidas dentro do Antes de receber o destaque nacional, Euvaldo Rosa projeto “Santo Antônio de Jesus – Cidade Empreendedora” foi o grande vencedor da etapa estadual do prêmio. garantiram ao chefe do executivo municipal, Euvaldo Rosa, Concorrendo com outros 15 prefeitos, ele foi destaque, ainda, na categoria “Formalização de Pequenos Negóa vitória na categoria Melhor Projeto, que representou cios e Apoio ao Empreendedor Individual”. A premiação a região Nordeste na etapa nacional do Prêmio Prefeito aconteceu no dia 25 de abril, com a presença de mais Empreendedor. A entrega do destaque aconteceu no dia de 500 pessoas no auditório da União dos Municípios da 15 de maio, na sede do Sebrae em Brasília. Bahia (UPB), em Salvador. Uma das iniciativas mais relevantes do prefeito para a conquista Além do prefeito de Santo do prêmio foi a implantação do Antônio de Jesus, foram destaprograma “Tô Legal”, que tem ques os prefeitos de Guanambi, como principal objetivo estimular Charles Fernandes, na categoria o registro de Empreendedores “Crédito e Capitalização”; de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, Individuais e oferece vantagens na categoria “Compras Públicas”; para quem quer se legalizar. Um dos benefícios é o que transforma o de Conceição do Coité, Renato ISS pago a prefeitura em desconto Souza, na categoria “Promoção no IPTU do ano seguinte. do Desenvolvimento Rural”; e de O Prêmio reconhece as Barra do Choça, Oberdam Rocha, O prefeito também fortalece a Associação das Baianas de Acarajé iniciativas dos prefeitos que na categoria “Lei Geral Municipal”. da cidade, fornecendo o tabuleiDurante a premiação, o suempreenderam ações em ro padronizado e capacitações, perintendente do Sebrae Bahia, prol das micro e pequenas garantindo qualidade e melhores Edival Passos, ressaltou a força empresas e os estimula a do empreendedorismo baiano, que condições de higiene. “Esse Prêmio

Fotos: Mário Sérgio

continuar com esse trabalho

20 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

Parceria: Sebrae, UPB.


Administração pública Empreendedorismo

está ascendendo no cenário nacional. “Nós temos que apostar na criação de novas riquezas para resolver os problemas do Brasil, do Estado e dos municípios. Se a gente der oportunidade ao brasileiro, nós vamos vencer”, garante. O presidente da UPB e prefeito de Camaçari, Luiz Caetano, ressaltou a parceria com o Sebrae. “O Sebrae faz um trabalho importante no Brasil e na Bahia. O gestor empreendedor é um prefeito inovador e a prefeitura que trabalha a agenda do empreendedorismo alavanca o social. Temos que espalhar isso para toda a Bahia para criar uma cultura positiva”, conta. Representando o governador da Bahia, Jaques Wagner, o secretário Estadual de Relações Institucionais, Cezar Lisboa, parabenizou os prefeitos finalistas e falou sobre práticas empreendedoras. “Os municípios têm que mostrar cada vez mais o empreendedorismo e capacidade de gestão. A população avalia essa capacidade do município de trabalhar a gestão, a inovação, gerar emprego e renda, entre outras práticas. Prêmios como esse, no fundo, valorizam essas iniciativas”, afirma. O Prêmio é uma iniciativa do Sebrae e tem o objetivo de difundir ações empreendedoras realizadas pela administração pública municipal em prol do surgimento e do desenvolvimento de micro e pequenas empresas dos municípios brasileiros.

|

O QUE É SER UM PREFEITO EMPREENDEDOR? Euvaldo Rosa – Santo Antônio de Jesus “É acreditar que é possível vencer obstáculos e dificuldades quando se quer trabalhar para melhorar a vida das pessoas, investindo no desenvolvimento das micro e pequenas empresas” Renato Souza – Conceição do Coité “É algo especial e importante, porque sendo um prefeito empreendedor a gente consegue fazer uma transformação na cidade e no campo, melhorando a vida das pessoas” Moema Gramacho – Lauro de Freitas “É realizar experiências maravilhosas em nossa cidade em benefício das micro e pequenas empresas e entender que empreender, como gestor público, é criar possibilidades para melhorar a vida das pessoas” Charles Fernandes – Guanambi “É dar oportunidade aos proprietários de micro e pequenas empresas. Isso nos toca profundamente porque insere no cenário econômico da cidade aqueles que estavam sem chances de obter crédito, por exemplo, mas que agora já podem abrir sua empresa com dignidade” Oberdam Rocha – Barra do Choça “É tomar a iniciativa e acreditar que é possível transformar a vida dos menos favorecidos, através de políticas públicas voltadas a esse público, tendo a consciência de que é um trabalho impossível sem a parceria do Sebrae”

Prefeitos participam de encontro com direção de A Tarde

C

omo parte da programação da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, o Jornal A Tarde, em parceria com o Sebrae, realizou um encontro com os gestores públicos finalistas para falar sobre o papel do prefeito no que diz respeito à promoção de um ambiente favorável aos micro e pequenos negócios. O evento aconteceu no dia 24 de abril. Estiveram presentes ao encontro os representantes das cidades de Andaraí, Cairu, Capela do Alto Alegre, Conceição do Coité, Guanambi, Irecê, Lauro de Freitas, Miguel Calmon, Santana, Santo Antônio de Jesus e Senhor do Bonfim. O diretor-técnico do Sebrae Bahia, Lauro Ramos, ressaltou a importância do prêmio, no sentido de reconhecer os prefeitos que estimulam a ampliação dos micro e pequenos negócios. “É fundamental que os prefeitos reconheçam o papel do mundo do empreendedorismo na geração de riqueza. E são realizações dessa natureza que o Prêmio Prefeito Empreendedor estimula e reconhece”, disse. O presidente do jornal A Tarde, Silvio Simões, falou sobre a necessidade de se criar oportunidades para o desenvolvimento econômico e sustentável. “As oportunidades abrem as portas e vocês, enquanto prefeitos, desempenham um papel fundamental nesse contexto. Para gerar riqueza, é preciso que as pessoas encontrem oportunidades”, afirmou.

Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196 | 21


Associativismo |

Barreiras | Bahia

Rede de empresas estimula associativismo no oeste da Bahia Rede Erguer apresentou conquistas obtidas em seis anos de ações conjuntas

Foto: divulgação

E

A Rede Erguer é uma associação de empresas de ttore Dieckel é gerente e sócio de uma loja de autopeças e serviços em Barreiras. Ele recebeu o pequeno e médio porte do segmento de comércio varejista convite para participar de uma reunião empresarial de materiais para construção, criada para proporcionar no Sebrae para conhecer uma bem sucedida experiência aos associados uma atuação conjunta e assim obter conde associativismo: a Rede Erguer, de Feira de Santana. dições e recursos para se tornarem mais competitivas no Não teve dúvida em aceitar o convite, porque pensa em mercado. A união vem permitindo força nas negociações ampliar o negócio, com diminuição de custos. e compras em maior volume, melhores preços e maiores Além de Ettore, donos de empresa e funcionários prazos para pagamentos junto aos fornecedores. também se interessaram pelas três reuniões que ocorO gestor da Rede Erguer, Ronaldo Teodorium, aprereram em dois dias. No dia 17 de abril, em Barreiras, sentou as conquistas obtidas em seis anos de trabalho um encontro foi direcionado à conjunto. Hoje, são 15 associados indústria, movelaria e gráfica e o e 30 lojas em plena atuação na outro a profissionais e empresários “O associativismo econômico Bahia. Na reunião, foi demonstrado como funciona a parceria de oficinas mecânicas, autopeé a saída para que nossos com as principais indústrias de ças, mercados e panificadoras. empresários se tornem Já no dia 18, em Luís Eduardo material de construção do País. O Magalhães, o foco foi rede de competitivos, reduzam custos trabalho em rede deu maior poder farmácias, mercados, restaurantes de barganha aos empresários, e agregue valor à venda” e lanchonetes. através de compras conjuntas, maior competitividade e rentabilidade aos associados. Também houve maior participação em grandes feiras do segmento e divulgação mais eficiente e ampla, com mídia conjunta em rádio, TV e outdoor. Segundo Emerson Cardoso, coordenador da Unidade Regional do Sebrae em Barreiras, a meta é incentivar as pequenas empresas do oeste a trabalharem de maneira cooperada.

| veja o sebrae mais próximo de você SEDE SEBRAE BAHIA Rua Horácio César, 64, Dois de Julho - Salvador, Bahia. CEP 40.060-350 UNIDADE REGIONAL 1 Salvador / Centro de Atendimento ao Empreendedor - Av. Sete de Setembro nº 261- Mercês - Salvador, Bahia. CEP 40060-035 Salvador / Pelourinho - Rua das Laranjeiras nº 28 – CS 2 - Terreiro de Jesus – Pelourinho - Salvador, Bahia. CEP 40026-230 Salvador / Itapagipe - Rua Direta do Uruguai nº 753, Bahia Outlet Center, Lojas 134 / 135 – Uruguai - Salvador, Bahia. CEP 40454-260. Salvador / Liberdade - Estrada da Liberdade nº 26 Lojas 13 E 26, Liberdade - Salvador, Bahia. CEP 40375-016. Salvador / Sac Empresarial - Av. Otávio Mangabeira nº 6929 – Multishop - Boca do Rio - Salvador, Bahia. CEP 41706-690. Camaçari - Rua do Migrante s/nº, Centro, CEDAP Casa do Trabalho – Camaçari, Bahia. CEP 42800-000. Lauro de Freitas - Loteamento Varandas Tropicais nº 279, Q.3, Lote 16, Rua A, Galpão 01 – Pitangueiras – Lauro de Freitas, Bahia. CEP 42700-000.

Alagoinhas - Rua Rodrigues Lima nº 126-A – Centro de Alagoinhas - Alagoinhas, Bahia. CEP 48010-040. UNIDADE REGIONAL 2 Barreiras - Av. Benedita Silveira nº 132, Ed. Portinari, Térreo, Centro – Barreiras, Bahia. CEP 47804-000. UNIDADE REGIONAL 3 Feira de Santana - Rua Barão do Rio Branco nº 1225, Centro – Feira de Santana, Bahia. CEP 44149-999. Ipirá - Praça Roberto Cintra nº 400-A – Centro – Ipirá, Bahia. CEP 44600-000. Euclides da Cunha - Rua Oliveira Brito nº 404 – Centro – Euclides da Cunha, Bahia. CEP 48500-000. Itaberaba - Rua Rubens Ribeiro Nº 253, Ed. Tropical Center, Salas 22 / 23 - Centro – Itaberaba, Bahia. CEP 46880-000. UNIDADE REGIONAL 4 Ilhéus - Av. Dois de Julho nº 1039 Térreo, Centro – Ilhéus, Bahia. CEP 45653-040. Itabuna - Av. Francisco Ribeiro Júnior nº 198, Edifício Atlanta Center - Centro – Itabuna, Bahia. CEP 45600-921.

22 | Revista Conexão • Março/Abril de 2012 • Nº 196

UNIDADE REGIONAL 5 Jacobina Coordenação - Rua J. J. Seabra nº 69 Bairro Estação – Jacobina, Bahia. CEP 44700-000 Jacobina - Rua Senador Pedro Lago nº 100 – Salas 01 / 02 – Centro – Jacobina, Bahia. CEP 44700-000. Senhor do Bonfim - Rua Benjamim Constant nº 12 Centro – Senhor do Bonfim, Bahia. CEP 48970-000. UNIDADE REGIONAL 6 Juazeiro - Praça Dr. José Inácio da Silva nº 15 – Centro – Juazeiro, Bahia. CEP 48903-430. Paulo Afonso - Rua Amancio Pereira nº 60 – Centro – Paulo Afonso, Bahia. CEP 48602-110. UNIDADE REGIONAL 7 Santo Antonio de Jesus - Rua Ruy Barbosa, Salas 22 / 26, Ed. Saene, Loja 3, Sala 104 – Centro – Santo Antonio de Jesus, Bahia. CEP 44572-000. Valença - Rua Barão de Jequiriçá nº 297 – Galeria Central – Centro – Valença, Bahia. CEP 45400-000. UNIDADE REGIONAL 8 Irecê - Rua Coronel Terêncio Dourado nº 161 – Centro – Irecê, Bahia. CEP 44900-000. Seabra - Rua Horácio de Matos Nº 25 - Centro, Salas 01 / 02 – Seabra, Bahia. CEP 46900-000.

UNIDADE REGIONAL 9 Teixeira de Freitas - Av. Presidente Getúilio Vargas nº 3986, Centro – Teixeira de Freitas, Bahia. CEP 45995-002. Porto Seguro - Praça Acm nº 55 – Centro – Porto Seguro, Bahia. CEP 45810-000. Eunápolis - Rua 5 de Novembro nº 66 - Térreo – Centro – Eunápolis, Bahia. CEP 45820-041. UNIDADE REGIONAL 10 Vitória da Conquista - Rua Coronel Gugé nº 221 – Centro – Vitória da Conquista, Bahia. CEP 45000-510 Brumado - Rua Dr. Mário Meira nº 79 – Centro – Brumado, Bahia. CEP 46100-000. Guanambi - Av. Barão do Rio Branco nº 292 – Centro – Guanambi, Bahia. CEP 46430-000. Itapetinga - Av. Itarantimnº 178 – Centro – Itapetinga, Bahia. CEP 45700-000. Jequié - Rua Felix Gaspar nº 20 – Centro – Jequié, Bahia. CEP 45200-350. Ipiaú - Praça João Carlos Hohllenwerger nº 39 – Centro – Ipiaú, Bahia. CEP 45570-000.


Quem tem conhecimento vai pra frente | 0800 570 0800 | ba.sebrae.com.br

Revista Conexão Bahia 196  

Publicação oficial do Sebrae Bahia. Edição 196.