Page 1

Nº 42 -

ANO ROTÁRIO 2009/2010

- LAVRAS(MG), 7 DE JUNHO DE 2010 - PARA CIRCULAÇÃO NA 2.690ª REUNIÃO

. . . .

Lema 2009/2010 Reuniões às Segundas-feiras - 19:30 horas Envie sua colaboração pelo E-mail: bertolucci@superig.com.br

AVENIDA DR.ª DÂMINA, Nº 28

-

TELEFONE (35) 9844-6636

-

LAVRAS

-

37.200-000

-

MINAS GERAIS

-

BRASIL


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

2

ROTARY INTERNATIONAL – ANO ROTÁRIO 2009/2010 PRESIDENTE DE RI: JOHN KENNY GOVERNADOR DO DISTRITO 4560: LUIZ DE ARAÚJO FILHO GOVERNADOR ASSISTENTE – ÁREA 4: CARLOS FREDERICO LEITE CORRÊA PRESIDENTE DA RODA DA AMIZADE DO ROTARY CLUB DE LAVRAS: IONE DIAS BERTOLUCCI

ROTARY CLUB DE LAVRAS CONSELHO DIRETOR PRESIDENTE: Geraldo Bertolucci Júnior VICE-PRESIDENTE: Walter de Assis Toledo Júnior 1° SECRETÁRIO: EGD João Márcio de Carvalho Rios - 2° SECRETÁRIO: Sebastião de Assis Vilela 1° TESOUREIRO: Fábio Eduardo Ribeiro Lima - 2ª TESOUREIRA: Hebe Oliveira Dinalli DIRETORES DE PROTOCOLO: Valdir Curi e Renato Paiva

COMISSÕES PERMANENTES COMISSÃO DE ADMINISTRAÇÃO DO CLUBE: Sebastião Mello de Oliveira COMISSÃO DE IMAGEM PÚBLICA DO ROTARY: Geraldo Bertolucci Júnior e Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE ADMISSÃO: Renato Paiva e Hilton José Reis COMISSÃO DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA: EGD Gabriel de Siqueira Lopes e Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE PROJETOS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Wagner Nogueira e Emerson Nonato Silva

AVENIDAS DE SERVIÇOS AVENIDA DE SERVIÇOS INTERNOS PRESIDENTE: Adejar Alvarenga ADDRESSES & PHONES - ENDEREÇOS E TELEFONES COMISSÃO DE REVISTA: Hebe Oliveira Dinalli PARA CORRESPONDÊNCIAS E BOLETINS: COMISSÃO DE CLASSIFICAÇÕES: Sebastião Mello de Oliveira ROTARY CLUB DE LAVRAS/COMISSÃO DE SUPORTE AO BOLETIM: IAN DIAS BERTOLUCCI - RUA SÍLVIO MODESTO DE SOUZA, Nº 209 – BAIRRO COMISSÃO DE PATRIMÔNIO: Hebe Oliveira Dinalli e Adejar Alvarenga NOVA LAVRAS - TEL: (035)3822-3594 – (035)8855-9436 - 37200-000 COMISSÃO DE FREQUÊNCIA: Sebastião Mello de Oliveira e Acir Pimenta LAVRAS - MINAS GERAIS - BRAZIL - E-mail: bertolucci@superig.com.br COMISSÃO DE PROGRAMAS: Sérgio Augusto Pedroso e Renato Paiva COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO DO QUADRO SOCIAL: Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE COMPANHEIRISMO: Neisson de Oliveira Costa e Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato COMISSÃO DE BOLETIM: Geraldo Bertolucci Júnior SUPORTE À COMISSÃO DE BOLETIM: Ian Dias Bertolucci COMISSÃO DE RETENÇÃO E DE RECRUTAMENTO DE COMPANHEIROS: Neisson de Oliveira Costa e Lauro Antônio Fernandes de Souza COMISSÃO DE RELAÇÕES PÚBLICAS DO ROTARY: Emerson Nonato Silva e Geraldo Bertolucci Júnior

AVENIDA DE SERVIÇOS À COMUNIDADE PRESIDENTE: Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE PARCERIA NO SERVIR: Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE: Wagner Nogueira COMISSÃO DE DES. HUMANO: Richard Odeon Gouvêa e Lauro Antônio Fernandes de Souza COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO COMUNITÁRIO: Sérgio Augusto Pedroso e Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato

AVENIDA DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS PRESIDENTE: Carlos Alberto de Carvalho COMISSÃO DE RECONHECIMENTO PROFISSIONAL: Walter de Assis Toledo Júnior COMISSÃO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL: Sebastião de Assis Vilela COMISSÃO DE CONSCIENTIZAÇÃO PROFISSIONAL: Richard Odeon Gouvêa e Acir Pimenta COMISSÃO DA PROVA QUÁDRUPLA: Renato Paiva e Acir Pimenta

AVENIDA DE SERVIÇOS INTERNACIONAIS PRESIDENTE: Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato COMISSÃO DE INTERCÂMBIO DE JOVENS: Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE SERVIÇOS À COMUNIDADE MUNDIAL: Renato Paiva

COMISSÕES ESPECIAIS ASSESSOR ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA: EGD Oswaldo Louzada Serra ASSESSORA ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA PARA O IGE: Rita de Cássia Souza Goulart COMISSÃO DE SUPORTE AO ROTARACT: Emerson Nonato Silva e Neisson de Oliveira Costa BANCO DE CADEIRA DE RODAS: Sérgio Augusto Pedroso e Richard Odeon Gouvêa CERIMONIAL DA ALIMENTAÇÃO E BEM ESTAR: Todos os companheiros em sistema de rodízio OUT DOOR: Sérgio Augusto Pedroso COMISSÃO DO RECONHECIMENTO ACADÊMICO: Emerson Nonato Silva, EGD João Márcio de Carvalho Rios e Valdir Curi COMISSÃO DO FESTIVAL DO SORVETE: Sebastião de Assis Vilela, Ricardo Augusto Barbosa, Wagner Nogueira e Hilton José Reis COMISSÃO DO BANCO DE LEITE MATERNO: Hilton José Reis, Ricardo Augusto Barbosa e Valdir Curi

COMISSÃO EXTRAORDINÁRIA DE EXPANSÃO PRESIDENTE: Wagner Nogueira PROJETO ROTARY CLUB DE IJACI: Emerson Nonato Silva, Carlos Alberto de Carvalho e Sérgio Augusto Pedroso PROJETO ROTARY CLUB DE RIBEIRÃO VERMELHO: Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato e Ricardo Augusto Barbosa PROJETO ROTARY CLUB DE NEPOMUCENO: Renato Paiva e Geraldo Bertolucci Júnior PROJETO ROTARY CLUB DE SANTO ANTÔNIO DO AMPARO: Geraldo Bertolucci Jr., Carlos Alberto de Carvalho e EGD Gabriel Lopes PROJETO INTERACT CLUB DE LAVRAS: Emerson Nonato Silva e Rotaract Club de Lavras PROJETO ROTARY KIDS: Emerson Nonato Silva e Geraldo Bertolucci Júnior

COMISSÕES DE SUPORTE COLÉGIO DE GOVERNADORES: Oswaldo Louzada Serra, Gabriel de Siqueira Lopes e João Márcio de Carvalho Rios PAST PRESIDENT: Emerson Nonato Silva PRESIDENTE ELEITO 2010/2011: Walter de Assis Toledo Júnior PRESIDENTE INDICADO 2011/2012: Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

3

Prezados companheiros rotarianos, Em fevereiro, participei da comemoração do 100º aniversário do Rotary Club de St. Paul, nos Estados Unidos. Depois do jantar naquela noite, uma moça se aproximou e me perguntou: “De tudo o que o senhor presenciou durante este ano no Rotary, o que foi mais marcante?” Para uma pergunta tão simples como essa, foi praticamente impossível encontrar uma resposta, já que houve muitas coisas que me emocionaram e me deixaram orgulhoso. Estes últimos 12 meses me deram a oportunidade e o privilégio de observar em primeira mão a magnitude de nosso serviço e testemunhar como ele transforma a vida das pessoas. Uma coisa é ver fotografias da devastação causada pelo terremoto no Haiti em janeiro. Outra sensação completamente diferente foi a de andar em meio aos destroços, ver os prédios destruídos e entender que o verdadei- Na foto acima o presidente John Kenny posta-se para um registro fotográfico com o saudoso Comp. Gov. ro impacto da tragédia jamais será Carlos Alberto Dias Coelho. compreendido. Em Banda Aceh, na Indonésia, onde o Rotary tem ajudado na reconstrução da cidade atingida pelo tsunami de 2004, eu achei que pudesse entender a extensão do desastre antes de minha visita. Mas eu não estava preparado para ver um navio cargueiro que tinha sidoarremessado a mais de 3 quilômetros da costa pelo tsunami. Na China, num orfanato financiado pelo Rotary, ao segurar uma menininha de 2 meses que tinha sido abandonada em um trem, percebi que aquilo que


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

4

o Rotary oferece ao orfanato – comida, agasalhos, uma casa limpa e segura – era só uma parte do necessário. O que aquela criança queria, naquele momento, era simplesmente ser segurada por alguém e se sentir amada. E isso me emocionou muito. Há muito que podemos fazer como rotarianos que significará o mundo para as pessoas. Assim como é importante oferecer assistência material – para ajudar nas áreas relacionadas a recursos hídricos, saúde e combate à fome e alfabetização – é igualmente vital que ajudemos os outros “de coração”. Ao nos aproximarmos do final deste ano rotário e de meu mandato como presidente do RI, gostaria de agradecer a todos vocês por seu trabalho e dedicação. Foi uma honra servir como presidente e lembrá-los de que O Futuro do Rotary Está em Suas Mãos.

QUADRAGÉSIMA-SEGUNDA DO ANO ROTÁRIO 2009/2010 N° 2.689 DESDE A FUNDAÇÃO – DIA 31 DE MAIO DE 2010

Aos

trinta e um dias do mês de maio de 2010, às 20:00 horas, o Diretor de Protocolo Renato Paiva, apresentou a mesa presidencial assim constituída: Presidente Geraldo Bertolucci Junior, o companheiro Sebastião Melo de Oliveira e Natália de Filipis, convidada. A mensagem inicial foi apresentada pelo companheiro Lauro que, antes de pronunciá-la, destacou um cumprimento ao companheiro Bertolucci por sua palestra sobre “A Imagem Pública de Rotary” na Conferência do Distrito 4560; com a tradicional salva de palmas à Bandeira Nacional, foram iniciados os trabalhos. O Diretor de Protocolo saudou a mesa diretora, os companheiros e companheiras e Luca do Rotary Kids; destacou a presença de membros da equipe do programa “Viva a Vida”, da Prefeitura Municipal, que vai coordenar as atividades do Banco de Leite Materno, que está sendo implantado com recursos da Fundação Rotária e em parceria com a AMIRH: Natália de Filippis, enfermeira, Alessandra Andrade, fisioterapeuta, Cyntia Sbampato, nutricionista e Amanda Teixeira, psicóloga. A Secretaria informou o recebimento de convite da Universidade Federal de Lavras para participar de encontro do projeto “Duas Rodas e Muitas Vidas” e informou os protocolos de cozinha do mês de junho de 2010. O companheiro Fábio, já de volta de suas férias, informou as providências que já foram tomadas para aquisição dos equipamentos para o projeto do Banco de Leite Materno. Pelo Companheirismo, o companheiro Neisson informou os aniversariantes da semana, destacando, também, as principais datas comemorativas do período; também informou do Café Rotário realizado na última sexta-feira, dia 28, que teve uma freqüência menor, pois vários companheiros tinham viajado para participarem da Conferência Distrital. A seguir, subiram à tribuna, na ordem, os companheiros EGD João Márcio e Valdir para registrar as principais informações da Conferência Distrital; o companheiro EGD João Márcio falou dos aspectos administrativos e das estatísticas, assim como de destaques do relato sobre o último Conselho de Legislação, acontecido na reunião do Colégio de Governadores, que antecedeu a abertura da Conferência; o companheiro Valdir Curi fez uma análise das palestras, abordou aspectos gerais do evento, como as atividades de congraçamento e companheirismo e registrou o significado da homenagem ao companheiro EGD Louzada, que foi o Patrono dessa Con-


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

5

ferência. Convidada à tribuna, a senhora Natália de Filipis apresentou detalhes do projeto de aleitamento humano que vem sendo trabalhado pela equipe do programa Viva a Vida e que agora se junta ao projeto do Banco de Leite Materno do Rotary Club de Lavras e AMIRH; destacou algumas parcerias que já foram estabelecidas e sub-projetos que constituirão as linhas de execução do projeto global; ainda e esclarecendo dúvidas levantadas, explicou, categoricamente, que o nome correto do projeto deve ser Banco de Leite Humano; finalmente destacou e agradeceu o grande apoio do Rotary Club de Lavras e da Fundação Rotária que agora passa a ser dado ao projeto inicial; no encerramento destacou que já há uma equipe constituída e capacitada para executar esse projeto e que cursos de capacitação complementar já estão agendados e entregou ao Presidente uma cópia do projeto global. O Diretor de Protocolo informou o cardápio do jantar preparado pelo companheiro Lauro/Regina e passou a palavra ao Presidente para o encerramento. Em seus minutos finais, o Presidente Bertolucci agradeceu e cumprimentou as visitantes pelas informações e pelo emparceiramento no projeto; ratificou a disposição do Clube em continuar apoiando os trabalhos do Banco de Leite Humano e informou que os equipamentos doados pela Fundação Rotária, através do Rotary Club de Lavras, já estão em processo de aquisição; dentre as formas de reconhecimento recebidos na Conferência, destacou o Diploma de Reconhecimento Zonal para trabalhos de alfabetização, salientando que o Rotary Club de Lavras foi o único Clube do Distrito a recebê-lo e fez questão de compartilhá-lo com o companheiro Emerson, Presidente anterior e que teve uma destacada atuação na implantação dessas atividades de alfabetização conduzidas pelo Clube; finalmente, agradeceu a presença de todos, convidou para o jantar de confraternização e encerrou, às 21:30 horas, esta reunião que teve a freqüência provisória de 82,17% com a tradicional salva de palmas à Bandeira Nacional. E para constar eu, João Márcio de Carvalho Rios, Secretário, lavrei a presente ata, que vai por mim assinada. João Márcio de Carvalho Rios

Mesa principal. Ao meio o presidente do Rotary Club de Lavras, Comp. Geraldo Bertolucci Júnior, ao seu lado direito a palestrante da noite, Natália Pereira de Filipis e ao seu lado esquerdo o Comp. EPRC 1997-98 Sebastião Mello Oliveira. À mesa, exposto para os presentes os troféus conquistados na Conferência do Compromisso: 1º lugar – Boletim Semanal; 3º lugar – Contribuição à FR; Fundação do Rotaract e Cumprimento de todos os compromissos para com o distrito. Além dos troféus conquistados pela Roda da Amizade.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

Os principais registros de nosso último encontro. De cima para baixo, a partir da esquerda: o Comp. Renato, que mais uma vez cumpriu – e muito bem – suas funções de 2ª diretor de protocolo; Comp. Neisson divulgou as datas e os aniversariantes, pelo companheirismo. O Comp. EGD João Márcio por duas vezes assumiu o parlatório, primeiro pelo expediente da secretaria, após, para nos repassar os dados estatísticos da Conferência do Compromisso. O Comp. Valdir Curi, por sua vez, também foi à tribuna e teceu os principais momentos vividos na Conferência, aqueles em que tiveram como protagonistas os companheiros do RCLavras. A seguir temos o registro de uma das mesas da reunião, onde se pode deparar as três jovens profissionais que irão, juntamente com Natália de Filipis, gerir o Banco de Leite Materno: Cyntia, Amanda e Alessandra, entre Amanda e Alessandra, a Compª. Vanda Amâncio Bezerra Mendes. Ao fundo, nosso ‘ministro da economia’, Comp. Fábio Lima, que retorna depois de merecidas férias. Ao lado o flagrante da enfermeira Natália de Filipis quando de sua palestra, onde fez uma elucidativa explanação de um projeto muito bem elaborado e que será colocado em prática tão logo o Banco de Leite Materno possa funcionar.

6


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

Flagrante do momento em que o presidente Bertolucci simbolicamente passava às mãos do Comp. Emerson Nonato Silva o Certificado de Alfabetização, concedido pela coordenadoria da Zona 22 de Rotary International - Grupo de Apoio à Alfabetização, cujo coordenador é o Comp. Chico Schlabitz, enfatizando que os esforços na promoção da alfabetização no ano 2009-10 se devem em muito ao incansável trabalho se sua pessoa, que agora se une também ao esforço de sua esposa Elisângela, que também vem desenvolvendo interessantes projetos na área da educação, junto à Escola Municipal Lourenço Menicucci Filho. A eles, o nosso reconhecimento.

DIA 07 DE JUNHO DE 2010 43ª DO ANO ROTÁRIO 2009/2010 Reunião n° 2.690 desde a fundação do RCLavras 1) 2) 3) 4) 5) 6)

COMISSÃO DE PROTOCOLO: Comp. Valdir Curi/Renato Paiva SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL SECRETARIA: Comp. EGD João Márcio/Assis TESOURARIA: Comp. Fábio Lima/Hebe Dinalli COMPANHEIRISMO: Comp. Neisson de O. Costa/Antônio Adolfo APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA PELA ONG NIEH, DE PARCERIA NA REALIZAÇÃO DA 3ª FESTA DA CULTURA ÍTALOBRASILEIRA: pela vice-presidente Anamaria Pederzoli. 7) PALAVRAS DE UMBERTO NIGI: representante do deputado italiano Fábio Porta, que pretende desenvolver ações sociais na região em parceria com o Rotary Club de Lavras. 8) PALAVRAS DE IARA MARIA NOTINI MOREIRA: presidente da Associação Lucchesi Toscani Nel Mondo, de Belo Horizonte. 9) PALAVRAS FINAIS 10) SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL 11) JANTAR 12) COMPANHEIRISMO

7


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

A IMPORTÂNCIA DO SONO NO NOSSO COTIDIANO

S

ono é o nome dado ao repouso que fazemos em períodos de cerca de 8 horas em intervalos de cerca de 24 horas. Durante esse período nosso organismo realiza funções importantíssimas com consequências diretas à saúde como o fortalecimento do sistema imunológico, secreção e liberação de hormônios (hormônio do crescimento, insulina e outros), consolidação da memória, isso sem falar no relaxamento e descanso dos músculos.

Em estudo realizado pela Universidade de Chicago – EUA, onze pessoas com idades entre 18 e 27 anos foram impedidas de dormir mais de quatro horas durante seis dias. O efeito foi assustador. No final do período, o funcionamento do organismo delas era comparado ao de uma pessoa de 60 anos de idade. E os níveis de insulina eram semelhantes aos dos portadores de diabetes. Em pesquisas de laboratório, ratos usados como cobaias não aguentaram mais de dez dias sem dormir. A consequência: morte por infecção generalizada.

AFRODISÍACOS: a busca do elixir do amor

A

Passamos cerca de um terço de nossa vida dormindo. Dormir bem é essencial não apenas para ficar acordado no dia seguinte, mas, para manter-se saudável, melhorar a qualidade de vida e até aumentar a longevidade. Nosso desempenho físico e mental está diretamente ligado a uma boa noite de sono. O efeito de uma madrugada em claro é semelhante ao de uma embriaguez leve: a coordenação motora é prejudicada e a capacidade de raciocínio fica comprometida, ou seja, sem o merecido descanso o organismo deixa de cumprir uma série de tarefas importantíssimas. O que nos aconteceria se não dormíssemos?

8

procura por fórmulas mágicas para o incremento da vida sexual pode ser observada ao longo de toda a história da humanidade, principalmente nos livros eróticos do oriente - manuais chineses, hindus e árabes. Na mitologia grega, Afrodite (Vênus, no latim) filha de Zeus e Dione, encarna como a Deusa do amor e da beleza, intensamente atraente aos olhos dos mortais. De seu nome, nasce o termo afrodisíaco, referente àquele que tem atrativos ou àquele que desperta interesse sexual. Os afrodisíacos são agentes químicos ou odores que estimulam o desejo sexual e/ou que elevam a potência (masculina). Mais de mil substâncias contam para esta lista. Também acabam se incluindo neste termo os comportamentos, os objetos de vestuário e adornos que estimulam o apetite sexual e que mantêm ou prolongam a excitação. Onde encontramos os afrodisíacos? Alimentos de origem animal ou vegetal que lembram em seu formato a aparência da genitália externa humana, como a ostra, o pepino, a banana, a rosa. Substâncias que podem ter ou não algumas propriedades euforizantes ou tranquilizantes, como o guaraná cerebral, a passiflora, o álcool, cannabis, cocaína, perfumes, incensos, entre outros. Agentes químicos que influenciam a fisiologia sexual, podendo aumentar a intensi-


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

dade do desejo sexual em determinados indivíduos. É o caso da Yoimbina, do Sildenafil

9

cedimentos como endoscopia, colonoscopia e outros procedimentos. Quem é o Anestesista? O anestesiologista, popularmente chamado de anestesista, é um médico formado pelas Faculdades de Medicina reconhecidas pelo Ministério de Educação e com pós graduação em Anestesiologia. A Sociedade Brasileira de Anestesiologia gradua e regulamenta a atividade, obrigando seus membros a uma atualização periódica.

(Viagra) e do Trazodone, substâncias que normalmente requerem prescrição médica e acompanhamento de seu uso. Tais drogas podem determinar efeitos colaterais importantes, como sintomas cardiológicos e priapismo (ereção prolongada que se mantém sem estímulo sexual), entre outros.

MEDO DE ANESTESIA uem nunca teve medo? Anestesia e uma Q palavra de origem grega que quer dizer ausência de sensações. Este estado de ausência de dor e outras sensações para a realização tanto de cirurgias quanto procedimentos terapêuticos e diagnósticos podem ser alcançados de várias maneiras, conforme o tipo de cirurgia ou procedimento. A anestesia pode ser geral, regional ou local e sedação. Na anestesia geral todo o corpo é anestesiado e o paciente fica inconsciente durante todo o procedimento. Na anestesia regional (peridural ou raquidiana) o anestésico local é injetado próximo da medula espinhal (neuroeixo). Neste tipo de anestesia você pode ficar acordado ou dormindo, conforme a conveniência. Na anestesia local, apenas uma pequena região é anestesiada através da injeção de anestésico na região que vai ser operada, sem que ocorra o bloqueio de um nervo específico. Esta técnica é reservada para pequenos procedimentos, como retirada de sinais e cirurgias odontológicas. Na sedação, são utilizadas algumas drogas para a redução da ansiedade e dor para a realização de pro-

O anestesista, além de escolher e aplicar a anestesia adequada para cada caso, permanece todo o tempo do procedimento junto com você, controlando sua pressão arterial, ritmo cardíaco, respiração, oxigenação do sangue, temperatura e outras funções vitais, através da observação clínica e de monitores que o auxiliam neste controle. O anestesiata é o guardião de sua vida durante e logo após o procedimento ou cirurgia e estará ao seu lado durante todo o tempo, mesmo que você não perceba ou não lembre de nada após a anestesia.

UM VILÃO CHAMADO MAU HÁLITO

C

erca de 60% de toda a população mundial tem ou teve mau hálito. Uma das causas básicas do mau hálito, ou halitose, está relacionada aos molhos picantes que usamos na nossa alimentação. Após digerirmos alho ou cebola, por exemplo, o seu odor não só se apresenta em nosso hálito, como até recende de nossa pele ou vem do ar que expelimos dos pulmões.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

Mas 90% daquele "bafo repulsivo" que muita gente tem procede dos resíduos alimentares daquilo que comemos durante o dia, sem que tenhamos acesso ou tempo para escovar os dentes após cada refeição, mesmo aquele cafezinho do escritório. Minúsculas partículas de comida são acolhidas no intervalo dos dentes, das pontes ou dentaduras que usamos. Se você padece de placas na gengiva, tal efeito pode perdurar por dias. Muito comum causa de halitose, o acúmulo de alimentos nas reentrâncias das amígdalas gera “fermentação” destas substâncias com a, conseqüente, proliferação destas bactérias. Há a, eventual, liberação de “farelinhos” malcheirosos recebendo o nome de amigdalite caseosa (caseo amigdaliano).... A bactéria que vive na boca e se banqueteia com os resíduos de comida que ficam entre os dentes é a primeira causa do mau hálito. Como ela fermenta, seus sub-produtos geram gás sulfúreo, o mesmo gás presente no ovo podre. Essas bactérias gostam de se localizar na parte anterior da língua, criando aquele muco esbranquiçado que geralmente constatamos ao acordar pela manhã.

da boca. As glândulas salivares restringem ao mínimo sua produção durante as horas do sono, porque você não está acordado e comendo. A boca resseca, e as bactérias se multiplicam, fazendo com que seu hálito cheire fermentado ao que você comeu na noite anterior.

PILATES: QUEM COMEÇA, NÃO QUER NUNCA PARAR

J

Para nossa sorte, a natureza fez com que o corpo humano tivesse em nossas bocas sua própria defesa anti-bacteriana: a saliva. A bactéria bucal que causa mau hálito é "anaeróbica", isto é, as que gostam de viver em locais onde existe pouco ou nenhum oxigênio. A saliva, dentre outras coisas, contém excesso de oxigênio. O cheiro desagradável que sentimos em nosso hálito ao acordar procede da bactéria que se escondeu em locais sem oxigênio

10

oseph Hubertus Pilates (inventor do método que leva seu nome), nasceu na Alemanha em 1880, e foi uma criança doente que sofria de asma, raquitismo e febre reumática e foi sua determinação em se tornar fisicamente mais forte que o levou a estudar várias formas diferentes de movimentos durante toda sua vida, movimentos esses que se basearam em fortalecimento muscular associados a alongamento, por isso ele já dizia na época: “se um indivíduo tem 20 anos e está encurtado, é um velho. Porém se tem 60 anos e tem flexibilidade e força é um jovem. Atualmente, no Brasil, o método Pilates está muito voltado para a questão estética, pois o método promete corpos e curvas mais arredondadas, mas não podemos esquecer que o método foi inventado para quem tinha problemas de saúde e necessidade de uma qualidade de vida melhor. Mas, o que é? Pilates são exercícos desenvolvidos para melhorar a flexibilidade, ganhar força muscular sem hipertrofia (aumento de volume muscular comumente observado em praticantes de academia) com enfoque postural.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

Todos os exercícios focalizam a postura e a contração abdominal, independentemente se o exercício está sendo realizado para braço ou perna, pois o que o Pilates visa como objetivo são exercícios globais, onde ao mesmo tempo em que se fortalece, se alonga, sem esquecer a contração abdominal, por isso é de fundamental importância a presença de um instrutor com formação adequada para a prática, pois é ele quem analisa durante a execução do movimento se ele está sendo realizado de maneira correta e se é necessário que se faça algum ajuste para que o exercício seja realizado de melhor forma. Outra particularidade do Pilates são as turmas individualizadas, certifique-se de que o estúdio escolhido ofereça turmas pequenas em geral de até 3 alunos, isso propicia uma maior qualidade de atendimento por parte do

11

instrutor, e uma garantia de execução correta por parte do aluno. Para a prática do Pilates não é necessário nenhum tipo de roupa especial, apenas roupas de ginástica. Os pés devem estar descalços ou com meias comuns, pois o ambiente comumente é climatizado e o aluno passa a maior parte da aula em pé ou deitado em cima dos aparelhos. Nunca deixe de comunicar ao seu instrutor o motivo pelo qual o levou a procurar o método (se por dores ou por estética). Antes de começar a prática do Pilates, o aluno deve ser avaliado, com fotos e anotações dos desequilíbrios apresentados e também através de seus exames médicos levando o instrutor a ter conhecimento das possíveis doenças, e assim atue de maneira a melhorar sinais e sintomas.

DATA

ADMISSÃO DE COMPANHEIROS - MÊS DE JUNHO

24/06/90 01/06/09

COMP. VALDIR CURI – 20 ANOS COMPª. VANDA AMÂNCIO BEZERRA MENDES – 01 ANO

DATA

ANIVERSÁRIOS E CASAMENTOS – 07/06/10 A 13/06/10

00/06 07/06 09/06 09/06 11/06 12/06

GABRIELLA – NETA DA COMPª. TIZIANA BARELLINI CRESTI (TATI) LUCAS – NETO DO COMP. TATÃO E MARÍLIA COMP. SÉRGIO PEDROSO ALICE – FILHA DO COMP. JÚNIOR TOLEDO E ANA LUÍZA EUGÊNIO – FILHO DO COMP. WAGNER E CLARA FÁBIO E FLÁVIO – FILHOS DO COMP. ADEJAR E MARIA AMÉLIA

O Fundo Anual para Programas financia atividades em mais de 160 países. Rotarianos dedicam tempo e conhecimento profissional a projetos que envolvem desde escavação de poços em vilas africanas à alfabetização de crianças na América Latina. A Fundação Rotária melhora as condições de vida mundo afora. Graças a ela, poços d’água são abertos na Índia, crianças cegas aprender a ler e escrever em Braille no Brasil, sanitários são instalados no Sri Lanka, e tratamento dentário é fornecido na


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

12

Nicarágua. Em um mundo onde o abismo entre ricos e pobres é cada vez maior, os rotarianos seguem resolutos fazendo o bem no mundo. Em 1985, os rotarianos prometeram erradicar a poliomielite. Desde o lançamento do programa Pólio Plus, o número de casos da doença no mundo inteiro foi reduzido em 99%, graças em grande parte aos esforços dos rotarianos, que destinaram cerca de US$650 milhões para financiar atividades de erradicação. Com isso, cinco milhões de crianças não ficaram paralisadas e mais de 1,5 milhão de pessoas não morreu. Nada disso teria sido possível não fosse a visão e liderança do Rotary. Durante a estação chuvosa na Etiópia, grande parte da zona rural fica isolada devido às cheias dos rios. Graças a um Subsídio Equivalente patrocinado pelo Rotary Club de Addis Abeba, na Etiópia; e pelo Rotary Club de Gloucester, nos EUA, foram construídas oito pontes. Agora, mesmo durante as chuvas, a população não mais ficará isolada. A cada minuto, a vida de alguém melhora graças à Fundação Rotária. Rotary Clubs de todos os continentes trabalham para melhorar as condições de vida das pessoas. Rotarianos como nós podem fazer a diferença apoiando o Fundo Anual para Programas da Fundação. Através do Fundo Distrital de Utilização Controlada, podemos alocar recursos para uso em projetos locais e no exterior. Quando contribuímos à nossa Fundação promovemos Paz e Compreensão mundial. Somente se Todo Rotariano doar Todo Ano ao Fundo Anual para Programas poderemos dar continuidade ao maravilhoso trabalho da Fundação Rotária.

DIA 07/06

08/06 09/06

10/06

PERÍODO - DE 07/06/2010 A 13/06/2010 DIA DA LIBERDADE DE IMPRENSA DIA DA PÁTRIA NA ITÁLIA FUNDAÇÃO DO LIONS INTERNATIONAL, POR MELVIN JONES DIA DO CITRICULTOR DIA MUNDIAL DOS OCEANOS DIA DO TENISTA DIA DO BEM AVENTURADO JOSÉ DE ANCHIETA ANIVERSÁRIO DA POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS DIA DO PORTEIRO DIA MUNDIAL DA IMUNIZAÇÃO DIA DA RAÇA DIA DA ARMADA DE ARTILHARIA DIA DA LÍNGUA PORTUGUESA DIA INTERNACIONAL DA LIBERDADE DE IMPRENSA


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

11/06

12/06

13/06

A

13

DATA NACIONAL DE PORTUGAL DIA DO PASTOR DIA DO EDUCADOR SANITÁRIO DIA DA TELEVISÃO BATALHA DO RIACHUELO (1865) DIA DA MARINHA BRASILEIRA DIA DO MARINHEIRO 1865 – OCORRIA A BATALHA NAVAL DO RIACHUELO DIA DE SÃO BARNABÉ – APÓSTOLO DIA DOS NAMORADOS DIA DO CORREIO AÉREO NACIONAL DIA DA INDEPENDÊNCIA DAS FILIPINAS 1993 – AOS 85 ANOS FALECE NO RIO DE JANEIRO, ERNESTO IMBASSAHY DE MELO, 2º ROTARIANO BRASILEIRO A OCUPAR A PRESIDÊNCIA DE ROTARY INTERNATIONAL DIA DE SANTO ANTONIO DE PÁDUA DIA DO TURISTA

criatividade é uma das competências mais avaliadas pelos líderes, tanto durante o acompanhamento do trabalho desenvolvido pelo colaborador, como em processos de seleção para o ingresso no mercado. Contudo, ela não é uma característica fácil de ser encontrada, pois são muitos os empecilhos que dificultam os profissionais de serem criativos. Para o diretor de Operações da Human Brasil, Fernando Montero da Costa, a incapacidade de mudar as respostas de sempre, os bloqueios sociais, culturais ou emocionais, ou mesmo dúvidas e a insegurança afetam os profissionais de modo a impor barreiras para a criatividade. Costa, contudo, afirma que a competência pode ser de-

senvolvida, apesar das dificuldades. “Ela pode ser aprendida e desenvolvida, sendo sempre suscetível de melhora”, afirmou, por meio de nota. Como isso é possível? “Se quiser ser criativo, primeiro, esqueça o que sabe”, aconselha.

Aflorando a criatividade Tentar abafar os temores não é fácil. Ainda assim, dá para aflorar a criatividade. “O comportamento criativo das pessoas é algo perceptível, pois estas se destacam dos demais membros da organização pela grande variedade de ideias e soluções originais que propõem”, afirma Costa. Por isso que, para ser mais criativo, o ideal mesmo é partir do início e estimular o cérebro a propor soluções e ideias, mesmo que a princípio pareçam absurdas. Decidir ser criativo, então, é o primeiro passo. O segundo é sempre pensar em várias soluções, e não apenas em uma. Escrever e detalhar as ideias no papel ajuda a visualizar o impacto da ideia e alternativas. Pergunte-se: Elas


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

são possíveis de serem feitas? Como tirá-las do papel? Pensar no processo da resolução também ajuda a estimular o profissional a ter novas ideias. Depois de colocar tudo no papel, defina os objetivos a serem traçados – A sua ideia serve para alcançar as metas que você quer? Confrontar as soluções que anotou com o problema real e agir com flexibilidade diante das próprias ideias também estimula a criatividade, segundo o especialista.

Outra dica para ser mais criativo no trabalho é considerar os problemas dos outros como oportunidades e desafios. “Aprenda a assumir riscos e atrevase a ser diferente”, diz Costa. Para ele, muitas vezes, é preciso utilizar menos o lado racional para ser criativo. Permanecer com o humor em alta também ajuda. “Tome o tempo que seja necessário para cumprir suas tarefas. Fazer as coisas com calma (quando se pode) aumenta a produtividade e a eficácia”, a-

14

firma Costa. E mesmo que não seja possível seguir todos esses passos, seja persistente, independentemente de qualquer coisa. Manter a calma é imprescindível para que as ideias aflorem. Para isso, tente manter a mente quieta de vez em quando. “Desfrute de momentos de lazer. A qualidade de vida depende de como se emprega o tempo livre”, concluiu. Infomoney

M

Um flagrante do Comp. Cléo Octávio Pereira, registrado pelo Comp. Geraldo Bertolucci Júnior em 05/06/1989.

ais uma vez a família rotária se fecha em tristeza e saudosismo. Acabamos de perder um exexcompanheiro: CLÉO OCTÁVIO PEREIRA, desta vez um sóciosócio-fundador, entusiasta do movimento rotário, o primeiro rotarirotariano a assumir o cargo de SECRETÁRIO do Rotary Club de Lavras. Dr. Cléo era irmão de dona Cleurice Pereira de Rezende, até hoje uma atuante sócia da Roda da AmiAmizade. Desde 1962 radicado em Brasília, enquanto esteve em Lavras fez um grande círculo de amizades, ele era um cavalheicavalheiroro-nato, um gentleman e, por oito anos foi um rotariano exemplar e muito prepre-

sente. tammComo dentista, aqui prestou seus serviços profissionais, aqui ta bém casoucasou -se com Wilma Alves (também sóciasócia-fundadora da Roda da Amizade) e teve três filhos: Paulo Octávio, Cláudia e José Ronaldo. No último dia 12 de maio o casal completou nada menos que 60 anos de uma união marcada pelo amor e cumplicidade. Dona Wilma, sua fiel


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

15

companheira, detentora de uma beleza ímpar, o acompanhou por todos os momentos da vida, inclusive nos últimos 13 anos, período em que Dr. Cléo viveu acometido pelo Mal de Alzheimer. Dr. Cléo era amigo pessoal de JK e, tendo acompanhado sua trajetrajetória política, também acompanhou com muita motivação e entusiasmo a construção da nova capital. Em julho de 1962, decidiu assumir o desadesafio de radicar radicarar-se no novo “eldorado brasileiro”. Em Brasília, foi um dos seus primeiros cirurgiõescirurgiões-dentistas, dentistas, atendendo, inclusive, a uma vasta clientela pelo então INPS. INPS. Lá Lá, consolidou sua história de luta e honradez. honradez. Era tido pelos amigos que fez em Brasília como um visionário. visionário. Dr. Cléo e dona Wilma receberam o título de ‘EMBAIXADORES ‘EMBAIXADORES DE BRASÍLIA’, BRASÍLIA’, tal a importância exercida pelo casal em todos os meios profissionais, sociais e comunitários da capital federal. Na tarde de quartaquartafeira, dia 2 de junho, junho, por uma triste coincidência, o presidente Geraldo BertoBertolucci Júnior encontrou encontrouou-se com o Comp. EGD LouzaLouz ada, dona Cleurice, seu filho Carlos Alberto e a nora JaJane no Aeroporto de ConConfins, quando fo foi informado do falecimento do do exexcompanheiro Cléo ocorrido n as primeiras horas daquedaquele dia. dia. Infelizmente, apesar de também estar indo a Brasília, por força dos compromissos já agendaagend ados não conseguiu conseguiu se desdesvencilhar a tempo de parparticipar de seu féretro, que ocorreu às 17 horas no Cemitério Campo da Espe Esperança. rança. Por sua importante participação na formação e fundação do R Rootary Club de Lavras, reverenciando seu espírito rotário e compartilhancompartilhandodo-se da dor e saudade de todos os amigos e familiares do exexcompanheiro Cléo Octávio Pereira, o presidente no uso de suas atribuiatribuição, declarou LUTO OFICIAL ao Rotary Club de Lavras, por 7 dias.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

16

E

m Rotary, junho é o mês dedicado aos Grupos de Companheirismo. Os Grupos de Companheirismo são integrados por rotarianos que compartilham os mesmos interesses recreativos e profissionais, prestam serviços, trocam ideias, criam laços de amizade e buscam a compreensão internacional. O Rotary ergueu-se a partir da amizade, conceito que vem expandindo internacionalmente por intermédio dos Grupos de Companheirismo entre pessoas de diferentes países e culturas que compartilham os mesmos interesses. Seus integrantes desenvolvem relacionamentos duradouros e se mantém ativos no Rotary, pois a dedicação aos assuntos de interesses pró prios incentiva o comprometimento com a organização. Os cerca de cem Grupos de Companheirismos existentes abrangem temas diversos que variam de esportes e passatempos a interesses de cunho profissional e que servem como uma forma de promover o companheirismo, a amizade e a prestação de serviços internacionais. Além de oferecer a oportunidade de compartilhar interesses comuns com outros rotarianos, muitos membros de Grupos de Companheirismo fazem uso de seu passatempos ou habilidades para ajudar seus semelhantes e promover a tão almejada Paz Mundial.

Realizou-se na semana que passou, nos dias 28 e 30 de maio, a 4ª Festa Italiana em Belo Horizonte e o RCLavras esteve muito bem representado, tanto na suntuosa recepção acontecida no Automóvel Clube, na noite de sex-


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

17

ta-feira, dia 28, oferecida pelo Consulado Italiano, como também nos festejos populares, durante o domingo, dia 30 de maio. Do Rotary Club de Lavras estiveram presentes o Comp. Antônio Adolfo Sbampato e Alessandra e a Compª. Tiziana Barellini Cresti. Foi mais um evento de peso, promovido pela ACIBRA-MG (Associação Cultural Ítalo-Brasi leira de Minas Gerais) e que demonstrou a força e a empatia dos 2 milhões de ítalo-brasileiros no estado, junto ao povo mineiro. No domingo, os tradicionais passos e o som da tarantela invadiram a Savassi, na Região CenAcima: O casal Antônio Adolfo e Alessandra, o Cônsul tro-Sul de Belo Horizonte, onde Italiano Bryan Bolasco, Lúcia Pôssas e Alberto, membros da Ong Nieh. cerca de 37 mil pessoas passaram Abaixo: A Compª. Tiziana Barellini Cresti e o Cônsul italiapela festa. Como manda a boa no Bryan Bolasco. cartilha de uma megareunião promovida por imigrantes e descendentes do "país da bota", a alegria foi regada a muito vinho e massas de excelente qualidade. O evento foi o pontapé inicial para duas importantes comemorações em 2011: o ano da Itália no Brasil e os 150 anos da unificação daquela nação. O quarteirão da Avenida Getúlio Vargas, entre a Rua Tomé de Souza e a Avenida Professor Moraes, foi transformado num pedacinho de Roma, Veneza, Gênova, Milão e de outras cidades que se uniram, em 17 de março de 1861, Durante o reinado de Vittorio Emanuele II, para formar boa parte do território italiano. O lento processo de unificação é conhecido como Risorgimento. A festa, que já entrou para o calendário da capital mineira, Ao lado: a Compª. Tati e Adriana Pederzoli, juntamente com o governador Antônio Anastasia e o prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda. Repare da blusa de Tati, o pin rotário.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

18

atrai mais pessoas a cada ano. A Ong NIEH esteve presente com sua barraquinha e lá exibiu a todos cenas da 2ª Festa da Cultura Ítalo-Brasileira realizada em Lavras, em novembro do ano passado, mostrando também a salutar parceria havida com o Rotary Club de Lavras. A Compª. Tati, orgulhosamente ostentou o seu distintivo rotário, que foi, inclusive, notado pelo governador Antônio Anastasia e com ela comentou que, além de ser um admirador do rotarismo, também foi um dos palestrantes por ocasião do Instituto Rotary, realizado na capital mineira em setembro de 2008. Uma Torre de Pisa foi a principal atração da festa que durou cerca de dez horas. Foram montadas 82 barracas que serviram – algumas - vinho, comida e doces típicos, outras atividades institucionais, culturais e comunitárias, como foi o caso da Ong NIEH, que além de demonstrar o seu trabalho social, também relatou o sucesso da parceria havida com o RCLavras. Tati, que estava acompanhada de vários de seus patrícios residentes em Lavras, também se fazia acompanhar da secretária da Ong NIEH, Adriana Pederzoli. Segundo a Compª. Tiziana (Tati), os contatos foram os melhores possíveis, principalmente no tocante a parcerias para a realização de atividades sociais, culturais e comunitárias em Lavras. Além do governador Antônio Anastasia, a Compª. Tati e Adriana (presidente e vice-presidente da Ong NIEH) tiveram contatos com o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, com o deputado italiano Fabio Porta e seu representante brasileiro, o artista plástico Umberto Nigi, com a presidente da Associação Lucchesi Toscani Nel Mondo de Belo Horizonte Iara Notini Moreira, Sílvia Alciati, presidente do COMITES - Comitê de Emigração Italiana – seção Minas Gerais, dentre outros.

A Compª. Tiziana Barellini e o deputado italiano Fabio Porta, tendo ao meio seu representante no Brasil, o artista plástico Umberto Nigi.

A presidente da Associação Lucchesi Toscani Nel Mondo de Belo Horizonte Iara Maria Notini Moreira e o deputado Fabio Porta.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

19

Desta participação, abriu-se novas e importantes janelas para ações cívicas, culturais, sociais e comunitárias com a comunidade lavrense, além daquelas que já vem sendo trabalhadas pelo Comp. presidente Geraldo Bertolucci Júnior e o Comp. Antônio Adolfo, juntamente com a Compª. Tiziana (Tati). Tanto é que no dia de hoje estaremos recebendo as visitas de Umberto Nigi (representante do deputado Fabio Porta) e da presidente da Associação Lucchesi Toscani Nel Mondo de Belo Horizonte, Iara Notini Moreira, além da secretária da Ong NIEH. Todos eles trarão alvis sareiras notícias e propostas de parcerias com o RCLavras.

V

isando ajudar a promover o crescimento do Interact, o conselho diretor do RI decidiu abaixar o limite de elegibilidade dos interactianos de 14 para 12 anos de idade. "Esta é mais uma oportunidade de aumentar a família rotária", diz J. R. Thompson, membro da comissão do Interact e associado do Rotary Club de Rocky Ford, Colorado, EUA. "Pela minha experiência pessoal com os jovens, eles se esforçam para corresponder às expectativas tendo 12 ou 14 anos." O Conselho de Legislação, que se reuniu de 25 a 30 de abril em Chicago e que teve como delegado do distrito 4560


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

o Comp. EGD Aroldo Ribeiro Campos, ia avaliar propostas para diminuir a idade mínima dos interactianos, mas desistiu por causa da medida adotada pelo conselho diretor em janeiro. O Distrito 2750, que propôs uma das resoluções, argumentou que o desenvolvimento físico e mental dos jovens de hoje é mais precoce do que quando os Estatutos e Regimento Interno prescritos para o Interact Club foram redigidos. O Conselho de Legislação aprovou a criação de uma comissão permanente do RI para o Interact e estabeleceu uma quinta Avenida de Serviços, Serviços às Novas Gerações, que reconhece o valor positivo das contribuições dos jovens envolvidos em atividades de liderança. Todos os anos os Interact Clubs devem completar pelo menos dois projetos de Serviços à Comunidade, um dos

Um

20

quais deve promover compreensão internacional e boa vontade. Através desses esforços, os interactianos estabelecem vínculos com clubes locais e no exterior. Segundo as diretrizes estabelecidas pelo conselho diretor para o Interact, o Rotary Club patrocinador deve colaborar com as escolas para supervisionar o Interact Club e este está sujeito a todos os regulamentos pertinentes a outras organizações de estudantes e atividades extra-curriculares da escola. Segundo as diretrizes, se a escola na qual o Interact Club está baseado inclui alunos de menos de 12 anos ou mais de 18, eles também podem fazer parte do clube. Assim, se a escola tem alunos de 10 a 13 anos, os de 10 anos podem entrar para o Interact Club.

esclarecedor relato sobre a 39ª Conferência Distrital, a Conferência do Compromisso “Governador Carlos Alberto Dias Coelho” nos foi passado pelos companheiros EGD João Márcio e Valdir Curi, durante nosso último encontro. Pelo RCLavras estiveram presentes os companheiros EGD’s Oswaldo Louzada Serra e Cleurice; Gabriel de Siqueira Lopes, Maristella e João, João Márcio de Carvalho Rios e Nilda, presidente 2009-10 Geraldo Bertolucci Júnior; presidente 2010-11 Walter de Assis Toledo Júnior e Ana Luíza; Lauro e Regina; Valdir Curi; Sérgio, Silene e Sérgio Henrique; Acir e Cleide. O Rotary Club de Lavras mais uma vez brilhou, conquistando 4 troféus: 1º lugar – Boletim Semanal; 3º lugar – Contribuição à FR; Fundação do Rotaract e Cumprimento de todos os compromissos para com o distrito. Também foi deveras importante e significativa a participação como orador, do Comp. EGD Gabriel Lopes na cerimônia de plantio da “Árvore da Amizade”. Outro fato marcante foi a figura do Comp. EGD Oswaldo Louzada Serra, eleito Patrono da Conferência e, não menos marcante foi a saudação feita pelo Comp. EGD João Márcio de Carvalho Rios. Destaque-se também, a participação do Comp. presidente Geraldo Bertolucci Júnior, um dos ilustres palestrantes da Conferência, que discorreu sobre o tema “Imagem Pública do Rotary”.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

21

Infelizmente, não conseguimos ainda arregimentar registros fotográficos de todos estes momentos acima enumerados, mas, tão logo os tenhamos, iremos, gradativamente publicando no boletim. De qualquer forma, acompanhe a seguir alguns registros do evento:

A partir da esquerda, de cima para baixo: a foto em tamanho natural do Comp. EGD Oswaldo Louzada Serra, colocada bem à entrada do hall principal do Hotel Guanabara; o presidente Bertolucci posta-se ao lado do representante do presidente John Kenny, Comp. EGD Anthony Kasenda, do Comp. EGD Guaracy Nogueira, EGD Aroldo Ribeiro Campos (coordenador da conferência) e governador 2010-11 Walmor Zambroti; o Comp. presidente Bertolucci recebe do Comp. Gov. Luiz de Araujo Filho um Certificado de Agradecimento pela palestra ministrada, Certificado esse que foi assinado também pelo saudoso governador Carlos Alberto Dias Coelho, o que muito emocionou o palestrante; o Comp. presidente 2010-11 Waltar de Assis Toledo Júnior e Ana Luíza entronizam a bandeira do Rotary Club de Lavras, na cerimônia de abertura da 39ª Conferência Distrital; por fim, o Comp. Walter de Assis Toledo Júnior recebe do Comp. EGD Anthony Kasenda um dos troféus conquistados pelo clube.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

22

A

notícia é das mais auspiciosas: o distrito 4560 acaba de ganhar mais um clube. Trata-se do Rotary Club de Extrema, localizado quase na divisa com o estado de São Paulo. O fato foi efusivamente comemorado pelos rotarianos, uma vez que neste ano rotário, além do Rotary Club de Extrema, também foi criado o Rotary Club de Mateus Leme-Centro. O clube padrinho é o Rotary Club de Cambuí. Aproveitamos para parabenizar a administração distrital, como também os rotarianos de Extrema e Cambuí pela bela conquista.

uem nos mandou o arquivo foi o Comp. Emerson Nonato Silva. Trata-se do patrocínio que o clube vem dando, através do casal Emerson e Elisângela, às atividades escolares da Escola Municipal Paulo Menicucci. São várias as atividades desenvolvidas por ambos junto à escola, como, por exemplo a parceria na confecção de 300 livros de poesias de autoria dos alunos daquele educandário. Esta parceria surgiu da necessidade da valorização da classe estudantil da escola, resultando numa forma de resgate do gosto pela leitura e por conseguinte do “despertar” para a escrita entre os jovens. Os poemas já estão passando por uma correção ortográfica e logo iniciaremos um processo de captação de recursos junto à comunidade lavrense. O informativo da escola é o último investimento do casal Emerson e Elisângela, tanto que nossa logomarca e o nome do clube foram publicados no último número. Ao Emerson e Elisângela, nosso agradecimento e reconhecimento.

Q


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

23

O homem que semeava a verdade (*) Marcone Formiga

Em um mundo onde a verdade está cada vez mais escassa e prevalece a mentira, Cléo Octávio Pereira, que deixou uma legião de amigos na quarta-feira passada, foi uma das raras exceções. Falar a verdade não significava uma obrigação, mas um traço da personalidade de cada um. Para ele, um homem que mente é capaz de tudo, até porque não tem nem mesmo o próprio respeito. Um homem digno, honesto, conquistava amigos pela sua sinceridade, falando o que pensava, na cara. Normalmente as pessoas falam na ausência... Conheci Cléo em um jantar na casa do cardiologista Juarez Abdulmassih, há mais de 20 anos. Chamou a minha atenção pela sua sinceridade, falando o que pensava, com franqueza, com elegância, mesmo que os interlocutores não gostassem. Era do seu caráter e jaMarcone Formiga mais recuou diante da verdade. Para ele, não existiam meias verdades, tinha que ser total; por isso mesmo, olhava nos olhos dos seus interlocutores e justificava o porquê: Cléo simplesmente não acreditava nas dissimulações do sorriso afável e dos olhos perscrutadores. Franco, com humildes e poderosos, quando Fernando Collor de Mello foi eleito presidente da República, mas se considerava um imperador romano, era Cléo, que conhecia Collor desde garoto, que ousava contestá-lo no auge do seu poder, criticando algumas decisões, como o confisco do dinheiro dos brasileiros. Ninguém ousaria tanto, mas ele tinha a estrutura moral para fazê-lo. E tanto que o ‘imperador’ ouvia sem reagir com murros na mesa ou chutando o que encontrava em sua frente. E não era por acaso que, mesmo imperial, Collor o tratava com respeito, sem dispensar o “doutor” Cléo. Tanto respeito tinha uma explicação: Fernando Collor era amigo de seu filho, Paulo Octávio. Era em sua casa que ele passava a maior parte do tempo. A amizade era tanta que o então prefeito de Maceió, abandonado pela socialite carioca Lilibeth Monteiro de Carvalho, estava em depressão e quem foi dar o ombro como um pai, aconselhando-o, foi o “doutor” Cléo. O mesmo que estava ao seu lado quando Collor caiu em desgraça no Palácio do Planalto e quando os áulicos simplesmente debandaram. Era Cléo quem sempre o estava apoiando, presente nas horas difíceis, com a mesma sinceridade de um pai quando reprime para educar. Sempre muito bem humorado, de bem com a vida, vaidoso e com uma consolidada idolatria por Juscelino Kubitschek, Cléo Octávio Pereira era um homem determinado. Acreditando no presidente que ousou construir Brasília, sua admiração por ele foi só aumentando. Um dia, teve de vir para a nova capital, já inaugurada,


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 42 – ANO ROTÁRIO 2009/10

24

prestar exames de um concurso para odontólogo do então INPS. Conquistou o primeiro lugar e decidiu, em 1962, deixar Lavras, em Minas Gerais, onde tinha uma clientela enorme em seu consultório, para vivenciar o sonho de morar em Brasília. Vieram ele e Wilma, sua eterna namorada, mais os filhos, Paulo Octávio, Claudia e José Ronaldo, que também chegaram, viram e gostaram, fincando sólidas e telúricas raízes em Brasília. Além de trabalhar um expediente no INPS, montou um consultório, que era o mais completo e com maior clientela. Cada cliente passou a ser seu amigo. Depois de se aposentar, assumiu posições executivas nas empresas do filho Paulo Octávio e reservava um tempo para cultivar outra paixão, que era a jardinagem, cavoucando a terra, podando folhas e regando flores. Ele preferia os lírios, que, apaixonado, comparava com Wilma, “suaves, perfumados e delicados”. Vai ver que Deus estava precisando de um jardineiro que também funcione como ombudsman em tempo integral. (*) Marcone Formiga é colunista da revista Braília em Dia. Este artigo publicado no último dia 4 de junho.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 39 – ANO ROTÁRIO 2009/10

25

PAPO ENTRE AMIGOS: - Imagine que ontem à noite um ladrão entrou lá em casa! -Nossa! Ele levou alguma coisa? - Se levou!... Levou uma tremenda surra da minha mulher! Ela pensou que fosse eu que estava chegando! AMENDOIM NO OUVIDO: Enquanto assistia ao fu... vai ser meu genro!!! tebol na televisão, o cara bebia sua cerveja e comia uns amendoins. Ele aproveitava ainda para vigiar a sua filha que namorava na varanda. Lá pelas tantas ele sente uma coceira no ouvido e tem a genial idéia de coçar o ouvido com um amendoim. A coçada ia bem, até que a casca do amendoim quebrou e o caroço entalou no seu ouvido. Desesperado, o cara tenta tirar o amendoim com o dedo, mas só empurra mais pra dentro. Então ele grita por ajuda. Aparecem na sala a esposa, a filha e o namorado. Ninguém sabe o que fazer com o pai, que continua com o amendoim entalado e gritando como um louco. O namorado, querendo ganhar uns pontos com o sogrão, encontra uma solução: - Calma, que eu dou um jeito! Quando era escoteiro, eu sempre socorria os amigos! O rapaz mete dois dedos no nariz do marmanjo, e diz: - Fecha a boca e sopra pelo nariz com bastante força! O cara faz o que o rapaz mandou, e eis que o amendoim sai voando do ouvido! Encantada, a mulher diz para o marido: - Viu que gracinha esse rapaz? Tão calmo e tão controlado nas emergências! O que será que ele vai ser? Médico? E o marido, com cara de poucos amigos, responde: - Pelo cheiro dos dedos, vai ser nosso genro... MOTIVO JUSTO: Mais uma vez, aquela típica cena: o marido chega em casa e pega a mulher com outro na cama. Mais do que depressa ele pega o seu revólver no criado-mudo (todo corno tem um revólver no criado-mudo) e se prepara para atirar no Ricardão, quando a esposa interrompe: - Pára! Pára! Não faça isso! Por favor! O marido para furioso e grita: - Me dê uma só razão pra eu não acabar com esse sujeito! E a mulher disse: - "Esse sujeito" é o pai dos seus filhos! OPERAÇÃO MILAGROSA: Alfredo conta para um amigo que foi visitá-lo no hospital, após uma delicada cirurgia: - O doutor me garantiu que, depois dessa cirurgia, eu ia voltar a andar! - E acertou? - Em cheio! Tive que vender o carro para pagar a operação! MISTÉRIOS DO INTERIOR: Viajando pelo interior de Minas, o sujeito sente seu carro falhar e, sem alternativas, para no acostamento. Ele não entende nada de mecânica, mas como não há nada para se fazer, ele abre o capô, mexe de lá, mexe de cá e não chega a nenhuma conclusão, até que ele ouve uma voz misteriosa: - Foi o cabo da vela que se soltou! Ele olha para todos os lados, mas não vê ninguém e a voz insiste: - Veja o cabo da vela. Deve estar solto! Novamente ele não vê ninguém, além de um cavalo que estava junto à cerca. Então ele examina o cabo da vela e confirma: alí estava o defeito. Aliviado, ele liga o carro e segue o seu caminho. Logo adiante ele pára em um boteco, na beira da estrada para tomar um café e resolve contar o acontecido. Um dos presentes pergunta: - De que cor era o cavalo que estava junto à cerca? - Preto! - responde ele. - Você deu foi sorte... - emenda outro caipira - Porque o cavalo branco não entende nada de mecânica! ENERGIA DESPERDIÇADA: Na aula de física: - Joãozinho, me dê um exemplo de energia desperdiçada! E o garoto responde: - Contar uma história de arrepiar os cabelos pra o Renato Paiva! MÉDICO PREVIDENTE: No hospital, o médico está assinando a alta do paciente. Enquanto assina, vai falando pro sujeito: - A partir de hoje, nada de mulheres, nada de uísque, nem de vinhos importados. Esqueça de restaurantes caros, carro novo, viagens de férias... - Até eu ficar totalmente curado, doutor? - Não, não. Até você terminar de pagar o que me deve.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 39 – ANO ROTÁRIO 2009/10

26

Charge de Cícero Jornal de Brasília/DF

Época: Década de 40 – Pça. Dr. Augusto Silva, vendo-se a larga calçada, a linha do bonde e o ‘castelinho’, onde hoje se encontram os Bancos Itaú e Bradesco. Até a próxima........................................................................Ian Bertolucci


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 39 – ANO ROTÁRIO 2009/10

ROTARY INTERNATIONAL E O ROTARY CLUB DE LAVRAS AGRADECEM AOS ÓRGÃOS DE IMPRENSA LAVRENSES E REGIONAIS A DIVULGAÇÃO GRATUITA DE SEUS VÍDEOS E ÁUDIOS INSTITUCIONAIS, BEM COMO DE SUAS REUNIÕES E EVENTOS COMUNITÁRIOS

27


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 39 – ANO ROTÁRIO 2009/10

28

- Qualquer informação, ligue para os telefones: (37) 99276100 (Polícia Militar) ou (37) 9916-3932 (Tânia). Ou então, ligue diretamente para a Polícia Militar de sua cidade.

042#07#06#2010  

Nº 42 - ANO ROTÁRIO 2009/2010 - LAVRAS(MG), 7 DE JUNHO DE 2010 - PARA CIRCULAÇÃO NA 2.690ª REUNIÃO Reuniões às Segundas-feiras - 19:30 horas...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you