Page 1

roraimaemtempo.com.br

ATENTADOS COM CARROSBOMBA DEIXAM MAIS DE 50 MORTOS NA SOMÁLIA

Economia A9

Mundo A12

A NOTÍCIA QUE INTERESSA

BOA VISTA, QUINTAFEIRA, 15 DE AGOSTO DE 2019

ANO 5 • Nº 1300

PIB TEVE ALTA DE 0,2% NO SEGUNDO SEMESTRE, APONTA O MONITOR DA FGV

Pobreza cresce 10,5% em Roraima e atinge mais de 47 mil pessoas Edinaldo Morais

EM UM ANO, O ESTADO FOI O QUE TEVE O MAIOR AUMENTO DA POBREZA NO PAÍS, DE ACORDO COM O MINISTÉRIO DA CIDADANIA Dados do Cadastro Único do Ministério da Cidadania (CadÚnico) mostram que a pobreza extrema em Roraima aumentou e já atinge 47 mil pessoas. Nos últimos sete anos, mais de 4 mil pessoas entraram em situação de miséria no Estado, um aumento de 10,5%. O Estado foi o que registrou o maior aumento percentual na atualização divulgada pelo Ministério da Cidadania neste mês, seguido pelo Rio de Janeiro, que viu o número de famílias em extrema pobreza crescer em 10,4%. Os dois estados passam por graves crises fiscais e têm negociado junto à União para suspender o pagamento de dívidas, para ajustar as contas dos governos estaduais. LOCAIS A5

PARA MINISTÉRIO DA CIDADANIA, BRASILEIROS QUE VIVEM COM RENDA MENOR QUE R$ 178 MENSAIS ESTÃO ABAIXO DA LINHA DA POBREZA

EDUCAÇÃO

DIVULGAÇÃO

ICMBIO

UFRR aponta ‘inquietações’ e rejeita adesão ao Future-se, programa do MEC

Seletivo oferta 39 vagas para brigadistas

O Conselho Universitário (Cuni) da Universidade Federal de Roraima (UFRR) informou, através de nota pública nesta quarta-feira (14), que rejeitou aderir ao programa Future-se,

O Núcleo de Gestão Integrada (NGI), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), divulgou nesta semana processos seletivos para formação de brigada temporária de combate a incêndios florestais e apoio operacional no estado de Roraima. LOCAIS A6

anunciado pelo Ministério da Educação (MEC) em julho deste ano. No texto, o Conselho explica que, em reunião extraordinária realizada na segunda-feira (12), decidiu se manifestar con-

trário à proposta, por entender que a minuta do programa não está detalhada. A instituição critica ainda os principais pontos apresentados pelo governo federal. LOCAIS A4 Edinaldo Morais

FALSO POLICIAL

Jovem é preso após ameaçar pessoas com arma em bar POLÍCIA A17

EXGOVERNADORA

Suely Campos critica Denarium sobre dívidas do governo ÚLTIMAS NOTÍCIAS A2

ACESSE NOSSO PORTAL roraimaemtempo.com

DENÚNCIAS 99144 8656

Anúncios, Assinaturas e Assinantes, Atendimento ao leitor.

FALE COM A GENTE: 95 99144-8656

TEMPO EM RORAIMA

32º 24º

Chuva: 60% Umidade: 81% a 51% Vento: 5km/h Sol: 05:46h / 17:47h

FONTE: CLIMATEMPO


A2

Últimas Notícias

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

GUERRA VIRTUAL

Ex-governadora critica atual gestão e se pronuncia sobre dívida do Estado Suely Campos foi às redes sociais afirmar que números comprovam que não houve aumento dos débitos na gestão dela Reprodução/Facebook/Suely Campos

JOSUÉ FERREIRA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Após o Roraima em Tempo  divulgar os dados do Tesouro Nacional,  que apontam dívida do Estado de apenas R$ 1,9 bilhão, a ex-governadora Suely Campos (PP) foi às redes sociais afirmar que os números comprovam que não houve aumento dos débitos durante a gestão

DADOS Roraima aparece na 20ª posição, com R$ 1,9 bilhão em dívidas consolidadas, o que corresponde a 32,9% das Receitas Líquidas Correntes dela.

Mesmo com todos os imbróglios envolvendo o governo da progressista, como Operações da Polícia Federal na Educação e Segurança, ela criticou a postura do atual governador de Roraima, Antonio Denarium (PSL). “A responsabilidade com a verdade faz parte do que aprendi com meus pais e do que desejo a Roraima e ao nosso povo. O Tesouro Nacional

divulgou agora números comprovando que no meu Governo não houve aumento da dívida de Roraima como, de forma irresponsável, é divulgado pela atual administração”, criticou a progressista. O Tesouro Nacional divulgou na segunda-feira (12), dados do balanço das dívidas consolidadas em 2018 pelos Estados.  Roraima aparece na 20ª posição, com R$ 1,9 bilhão em dívidas consolidadas, o que corresponde a 32,9% das Receitas Líquidas Correntes. O dado, assim, mostra-se diferente  dos R$ 6 bilhões anunciados por Denarium (PSL). “Recebi dívidas antigas e mesmo sem fazer novos empréstimos, lutei para melhorar a vida das pessoas, como a implantação de 18 Escolas Militarizadas, a conclusão e inauguração do Hospital das Clínicas, a contratação de 2 mil servidores públicos e a valorização de várias carreiras com PCCRs”, comparou Suely Campos. Suely não foi diferente ao assumir o Estado. Durante a administração acusou o ex-governador José de Anchieta de contrair dívidas milionárias, que custavam aos cofres públicos todos os meses em R$ 22 milhões. A ex-gestora ainda tentou um empréstimo de mais de R$ 100 milhões para sanar débitos, mas a proposta foi barrada na Assembleia Legislativa.

Suely Campos, durante recepção de Denarium após eleições do ano passado

O desequilíbrio nas contas do Estado levou a uma intervenção federal integral em Roraima, em dezembro do ano passado, a primeira no Brasil. À

Fiocruz abre inscrições para curso gratuito de Introdução à Divulgação Científica A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) está com inscrições abertas para o curso Introdução à Divulgação Científica. Disponível para qualquer pessoa que tenha interesse na temática, a formação é 100% online e gratuita. Por ser realizado no formato MOOC, não há limite de alunos e as inscrições, que devem ser feitas no site da instituição, seguem abertas até o janeiro de 2020. Com carga horária de 30 horas, a capacitação é dividida em dois módulos

e pode ser acessada por meio do Campus Virtual da Fiocruz. O primeiro, mais teórico, apresenta um panorama da divulgação científica no Brasil, contribuição da divulgação para o cientista e à própria ciência  e outros temas. Já o segundo módulo, de caráter mais prático, ensinará como escrever bom texto, usar as mídias sociais, fazer uma apresentação, evento e vídeo para divulgação científica. Há ainda aula sobre como falar com jornalistas e

interagir com assessores de imprensa para maior circulação de projetos de ciências. O curso é tem como responsável Luisa Massarani, coordenadora do Instituto Nacional de Comunicação Pública da Ciência e Tecnologia, assessora da Vice-Presidência Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz e pesquisadora da Casa de Oswaldo Cruz. Certificados de participação serão emitidos para os alunos que realizarem todas as atividades.

Seis advogados disputam vaga de juiz substituto do TRE de Roraima Em sessão extraordinária do Conselho da Ordem dos Advogados do Brasil em Roraima, nessa terça-feira (13), foram eleitos os advogados para composição da lista sêxtupla para o cargo de juiz substituto, na classe de Advogados, do Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR). A lista será entregue ao Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR), onde haverá a votação, pelos desembargadores, dos três advogados que vão compor a lista tríplice a ser encaminhada ao TRE que, posteriormente, enviará ao Tribunal Superior

Eleitoral (TSE). Quem nomeará um dos advogados será o presidente Jair Bolsonaro. Em votação bem disputada foram escolhidos os advogados na seguinte ordem: Rommel Luiz Paracat Lucena, Ataliba de Albuquerque Moreira, André Luis Galdino, Tarciano Ferreira de Souza, Waldir do Nascimento Silva, e Márcio Wagner Maurício. Os inscritos para disputar a lista, em suas arguições aos questionamentos do presidente da Comissão Eleitoral e Procurador de Prerrogativas da OAB Roraima, Chagas Batista, manifestaram

total disposição e compromisso na responsabilidade que o cargo de juiz da corte eleitoral requer. O presidente da OAB Roraima, Ednaldo Vidal, destacou a satisfação da Ordem com os inscritos pelo notável saber que o cargo requer. “Independente do nome escolhido pelo presidente da República, esta Seccional tem a plena convicção que estará bem representada naquela Corte, com indicação de juristas com notável saber jurídico e idoneidade moral, exigidos para a composição do TRE”, enfatizou.

época, durante o governo de Suely Campos, os salários dos servidores atrasaram por mais de três meses,  desencadeando uma onde de protestos por vá-

rios municípios de Roraima. Com a intervenção, ela foi afastada do cargo 20 dias antes do término do mandato. Para ajudar o Estado, o governo fe-

deral conseguiu enviar R$ 225 milhões. O dinheiro regularizou o pagamento dos servidores, bem como repasses constitucionais aos municípios.

Sesau explica dispensa de licitação alvo de mandado de segurança na Justiça ANDERSON SOARES

anderson.soares@roraimaemtempo.com.br

Durante coletiva à imprensa realizada na tarde de terça-feira (13), a secretária de Saúde, Cecília Lorenzom, detalhou fatos envolvendo processos emergenciais sobre fornecimento de materiais para cirurgias ortopédicas e neurológicas. Segundo a gestora, o objetivo foi de esclarecer o mandado de segurança impetrado pela empresa Síntese Comercial Hospitalar. Na ocasião, a Justiça decidiu suspender o processo de dispensa de licitação da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) até o julgamento e estabeleceu o prazo de 10 dias para que fossem apresentadas informações sobre o processo. O desembargador responsável pelo caso teria informado nos autos que há um procedimento de dispensa de licitação em vigor que abrangeria a aquisição de materiais. No entendimento do Judiciário, a suspensão do procedimento não acarretaria prejuízos à população. “Com base nessa decisão, nada mais prudente do que o Executivo se posicionar e demonstrar para vocês exatamente como é que acontece um processo licitatório e, especificamente, qual é a

realidade que se retrata os autos que estavam abertos por um período de seis meses. E qual foi à necessidade verdadeira de nós iniciarmos um processo novo, esse que foi objeto da impugnação”, explicou Cecília. Ela informou que o processo de número 1.698, aberto em 26 de fevereiro de 2019, visa à aquisição de materiais para cirurgias ortopédicas e neurológicas através de consignação e implantes com instrumentos e equipamentos, bem como material de consumo por requisição em caráter emergencial. O prazo de contemplação era de 180 dias. Estavam contemplados no processo 65 itens, entre fixadores externos, grandes e pequenos fragmentos, itens para cirurgias neurológicas, e outros. “A empresa Síntese Comercial Hospitalar apresentou a documentação no que foi permitido para participar desse certame. Nesse ato, ela não alegou exclusividade da marca, e também não apresentou nenhum tipo de recurso ou impugnação, bem como manifestação. O que demonstra a anuência por parte da empresa com relação ao procedimento que estava sendo adotado”, sustentou. Cecília destacou que

no dia 12 de março deste ano, Frederico Bispo, representando a empresa Nova Médica, entrou com recurso. No entanto, no dia 15 de março desistiu da impugnação. Segundo a titular da Sesau, ele também era no mesmo período representante da empresa Síntese Comercial Hospitalar. “Ele [Frederico] é nacionalmente reconhecido por representar o segmento de órteses e próteses, logo, é uma pessoa bastante conhecedora dessa causa. E também é participante de alguns eventos de natureza duvidosa”, disse. Durante explicação dos autos, foi colocado um vídeo em que Frederico Bispo aparece segurando um processo do Estado e diz duramente a gravação: “é muita moral, isso aqui que é moral”. Questionada sobre a atitude de Frederico e os trâmites dos processos, a secretária disse que a população foi prejudicada. “Eu não posso afirmar que foram fraudes, mas sim que houve uma conduta dentro de um processo que lesou usuários do SUS [Sistema Único de Saúde], e prejudicou o bom andamento das cirurgias que poderiam estar acontecendo regularmente desde fevereiro de 2019”, comentou.

DEFESA O Roraima em Tempo conversou com Frederico Bispo, que contou ser consultor de empresa e especialista em processo licitatório. Segundo ele, atende mais de 10 empresas em todo país, dentre elas, a Síntese Comercial Hospitalar. No entanto, rompeu com todas as firmas por ter sido nomeado pelo governo no dia 31 de maio para ocupar o cargo de coordenador de projeto, função que ele alega não ter assumido e de não ter recebido remuneração. Dezenove dias depois foi exonerado. Ele comentou sobre o vídeo em que aparece segurando o processo do governo. “Reaumente eu enviei para uma pessoa, não estou negando que fiz aquele vídeo onde disse que estava prestando consultoria para secretaria de saúde de Roraima de forma informal, e fiz a brincadeira dizendo que ‘isso aqui era moral’”, comentou. Ainda segundo ele, não cometeu qualquer irregularidade e que foi convidado para ser nomeado para atuar na Sesau porque desde fevereiro deste ano estava em Roraima prestando consultoria de forma informal e voluntária para o Estado em como combater a corrupção.


Opinião A3

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Roraima Alerta CRÍTICAS Nem a vereadora Dra. Magnólia Rocha (PRB) que independente do trabalho político é amplamente respeitada pelo trabalho social que desenvolve à frente da Liga Roraimense de Combate ao Câncer, escapou das críticas depois que apresentou a indicação aprovada por seus pares, para homenagear o governador Antonio Denarium (PSL) com o título de cidadão boavistense. Muitos questionaram se realmente, o governador deveria receber esta homenagem, considerando que sua atuação tem deixado a desejar. Outros estranharam que a iniciativa tenha vindo da vereadora que sempre foi vista como uma pessoa centrada e ética. A Coluna segue também investigando o objetivo dessa homenagem, mas ao que tudo indica tem dedo do senador Mecias de Jesus, que detém o comando político do PRB. MERECE? Antes de assumir o cargo político Denarium tinha uma história de contribuição com a economia do Estado como produtor e empresário. Ao encabeçar a iniciativa do Frigo10 ajudou também a gerar novos empregos e trouxe alternativa para o agronegócio, mas ao assumir a chefia do Executivo estadual com um discurso baseado em promessas de transformação que não foram cumpridas, ele manchou sua imagem com o sentimento de decepção dos seus eleitores. Denarium só chegou ao poder motivado pelo discurso que tomou conta do Brasil e trazia a ideia de renovação na política. As pessoas acreditaram no discurso mas esqueceram que a prática é bem diferente. O resultado é a própria população que está sentido. CAOS NA SAÚDE Os problemas na saúde continuam. Mesmo que Denarium tenha conseguido fazer contratos emergenciais, alguns até questionados recentemente, a população segue reclamando da péssima qualidade no atendimento. As mudanças na equipe gestora da Secretaria Estadual de Saúde continuam e as indicações também levantam suspeitas. A atual gestora da pasta Cecília Lorezon, por exemplo, foi apontada como representante de empresas que mantém contratos com a Sesau, fato que ela negou ao afirmar que já havia se afastado da função de advogada das mesmas. Em coletiva onde tentou esclarecer as dúvidas sobre uma decisão judicial que suspendeu contratos emergenciais, a gestora praticamente colocou a culpa da espera pelas cirurgias na empresa que entrou na justiça questionando o procedimento e no desembargador Jésus Nascimento, responsável pelo caso que acolheu o pedido. Tudo que aconteceu antes disso, Cecília fez questão de esquecer e omitir completamente. CAOS NA SEGURANÇA A bandidagem está pronta para atacar e a hora é do cidadão de bem reforçar sua própria segurança porque infelizmente, a Polícia Militar não está em condições de servir à sociedade. As últimas informações que vieram à público sobre a área dão conta de que o Governo estaria devolvendo viaturas porque decidiu reincidir o contrato

com a empresa. A justificativa é que a contratada Merrinot Comercial LTDA estaria descumprindo o contrato por usar veículos de outra empresa, a Kaele LTDA. Há alguns meses, o Governo também suspendeu o contrato de locação de veículos da Agricultura pelo mesmo motivo e posteriormente, o contrato foi reestabelecido. Se já havia a fofoca de que a Polícia estava obrigada a fazer racionamento de combustível, agora não há nem viaturas para patrulhamento das ruas. MIJADA Esse é o termo usado especialmente, por nordestinos para indicar que a pessoa levou foi repreendida. É assim que muitos classificaram a publicação da ex-governadora Suely Campos que usou suas redes sociais para mais uma vez, tecer críticas à Denarium. É lamentável que a atual gestão tenha chegado a um ponto tão complicado que uma governadora que nem conseguiu terminar o mandato, que tem contratos sob investigação da Polícia Federal, o filho citado em esquemas de desvios de recursos públicos e o marido em prisão domiciliar por ser o cabeça do Escândalo Gafanhoto, consiga ter razão em sua crítica. Na publicação, Suely repercute a informação dada em primeira mão aqui pelo Roraima em Tempo de que o Governo estaria inflacionando o valor da dívida estadual. VALORES Conforme o Tesouro Nacional, a dívida de Roraima não chega nem a R$ 2 bilhões, mas Denarium insiste em falar que o Estado deve R$ 6 bilhões. A nota enviada pelo Palácio do Governo tentou justificar a origem desse valor superestimado e colocou que seria uma projeção em relação aos valores das contribuições previdenciárias e dos empréstimos consignados que eram descontados, mas não repassados pela gestão de Suely ao IPER e às instituições bancárias conveniadas. Ainda assim, não deixa de ser um valor absurdo, são mais de R$ 4 bilhões de diferença em relação aos valores oficiais do Tesouro Nacional, e isso reforça a fofoca de que Denarium estaria usando essa desculpa para guardar dinheiro e formar seu caixa de apoio aos prefeitos nas próximas eleições. CANDIDATO Falando nas eleições 2020, a Coluna recebeu uma informação privilegiada dando conta de que Denarium já teria escolhido seu candidato à Prefeitura de Boa Vista. O acordo incluiria

amplo apoio do senador Mecias de Jesus (PRB) para alavancar a candidatura de Marco Jorge, também do PRB, atual secretário Estadual de Planejamento. Esse inclusive, seria um dos motivos do desentendimento entre Denarium e o deputado federal Carlos Nicoletti (PSL). Apesar dos dois dividirem o palanque do partido, Nicoletti tentou ficar com a presidência local e assim, ganhar visibilidade e força para sua candidatura à prefeito de Boa Vista. Estaria tudo certo, até Mecias interferir e apresentar Marcos Jorge como uma alternativa. Para observadores da política local, nenhum dos dois tem chance de eleição, a menos que os outros candidatos sejam ainda mais fracos que eles. DOMÍNIO Com a informação acima fica evidente o crescimento do domínio de Mecias de Jesus no Governo do Estado. O senador é responsável pela indicação de vários nomes, incluindo Marcos Jorge que comanda a Secretaria Estadual de Planejamento, o coração financeiro do Governo que determina para onde vai o dinheiro e o que será pago. Mecias também colocou seu pupilo Jean Michette, na Procuradoria Geral do Estado, o que seria um reforço para amenizar juridicamente as denúncias que podem surgir futuramente sobre o uso indevido de recursos públicos, e o senador comanda ainda parte da CERR e da Codesaima. Mas, foi na CAERR onde ele fez a festa, ampliando a folha de pagamento da Companhia, beneficiando até familiares como seus dois genros que custam ao Estado mais de R$ 20 mil mensalmente. Assim, Mecias segue fazendo o milagre da multiplicação de cargos, influencia, contratos e dinheiro. DE NOVO, TODA HORA O deputado Odilon Filho é alvo de um procedimento investigatório criminal na Promotoria de Caracaraí. A Portaria foi publicada nesta semana e dá conta de que o atual parlamentar estadual tenha, supostamente, cometido crime de falsificação de documentos e ferido três artigos do Código Eleitoral. No despacho, o promotor Joaquim Eduardo dos Santos determina que a portaria de instauração seja enviada à Corregedoria-Geral do Ministério Público e ao Centro de Apoio Operacional às Procuradorias e Promotorias de Justiça. Além desse novo indício de ilicitude, o deputado já tem processos na Justiça Eleitoral por compra de votos e enfrenta denúncia no Tribunal de Contas do Estado (TCE) por desvios de recursos públicos. Já pode pedir música no Fantástico? A Coluna avalia que sim!

Questão de Opinião

A Charge

Burocracia e a ‘burrocracia’ sem sentido PLÍNIO VICENTE*

ACERTOU

ERROU DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

O Ministério Público do Estado de Roraima, que abriu investigação sobre mais um contrato do governo que pode estar repleto de falcatruas. O Roraima em Tempo apurou que a reforma dos Conselhos da Setrabes se arrasta há sete anos e nunca foi feita. O valor passa de R$ 500 mil e foi fechado com uma empresa que não tem histórico muito bom no Executivo. Estamos de olho e esperamos que o MP possa solucionar esse imbróglio.

A governadora Suely Campos, que tenta enfiar goela abaixo do povo roraimense que a gestão dela foi boa, mesmo com endividamentos. Sabe a população do Estado que o governo dos Campos foi péssimo e marcado por operações da Polícia Federal, e cambalachos nas secretarias. Não tente justificar seu erro transferindo culpa para a nova gestão. Se a tentativa é conquistar a prefeitura de Boa Vista, esse desejo não caminha muito bem.

Lá pelos idos de 1090, ainda em plena ditadura, fui incumbido de receber na Redação do Estadão um ilustre visitante. Coube a mim porque, como chefe de Reportagem, era a única “autoridade” do jornal capaz de estar presente em pleno começo da manhã, quando os relógio ainda marcava pouco mais de 8h. Embora meio a contragosto, pois tinha muito o que fazer para perder tempo servindo de babá a visitantes, depois acabei me convencendo de que aquele senhor alto, de rosto tranquilo, sorriso fácil, que veio ao meu encontro me fez ter uma das conversas mais gratificantes da minha vida de jornalista. Seu nome? Hélio Beltrão, ministro extraordinário da Desburocratização, encarregado pelo então presidente, general João Figueiredo, de dar um jeito de acabar ou pelo menos minimizar a pesada burocracia vigente no Estado brasileiro. Fez o que pôde e o que não pôde e uma das suas vitórias foi acabar com o famigerado reconhecimento de firma. Ora, disse-me o ministro, se eu apresento um documento de identidade com minha foto e minha assinatura estou provando que sou eu. Então, o documento que tem a mesma assinatura é, eu mesmo dou fé, válido em todo o território nacional. Esse encontro veio-me à lembrança algum tempo atrás quando li que a Receita Federal baixou uma portaria em que aboliu, na maioria

Os brasileiros perdem tempo exorbitante para contornar disposições inúteis, quando não francamente absurdas e os cartórios exigem um número de visitas muito acima do razoável para as mais variadas atividades. As diretrizes, para piorar, não costumam obedecer a nenhum princípio de racionalização ou eficiência

das situações, a necessidade de o contribuinte fazer o famigerado reconhecimento de firma antes de apresentar documentos à entidade. Então, o que se deu com a desburocratização de Beltrão? Bom, com a corriola dos cartórios não se brinca, mas mesmo assim tratou-se, para variar, de boa notícia no campo da burocracia, cuja tendência, em toda parte, é sempre a de se expandir. Os brasileiros perdem tempo exorbitante e recursos preciosos para contornar disposições inúteis, quando não francamente absurdas; cartórios exigem um número de visitas muito acima do razoável para as mais variadas atividades. As diretrizes, para piorar, não costumam obedecer a nenhum princípio de racionalização ou eficiência. Uma cópia autenticada de documento de identidade, por exemplo, é aceita como prova pelo

Supremo Tribunal Federal, mas pode não bastar para a retirada de um passaporte ou para entrar num ônibus intermunicipal. Os exageros por vezes soam anedóticos, embora sejam desgastantes – e irritantes – para o contribuinte. Mais do que isso, impõem às pessoas físicas e jurídicas um ônus que nada tem de folclórico. Não se trata de atacar a organização burocrática em si, mas de criticar sua configuração no Brasil. Com efeito, o sociólogo alemão Max Weber (1864-1920) destacou a importância, para o Estado moderno, de uma estrutura dotada de funcionários capacitados, dispostos sob hierarquias e tomando decisões com base em regras racionais. Ações como a divulgada pela Receita Federal deveriam ser replicadas. Simplificar a vida do cidadão e melhorar o ambiente de negócios é um imperativo óbvio e, até certo ponto, descomplicado. Basta que as autoridades façam uma revisão corajosa dos procedimentos nas áreas sob seu controle. *O autor é jornalista e editor de Opinião, Economia e Mundo do jornal RORAIMA em tempo.


A4

Local

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

CONTRA

UFRR se recusa a aderir ao programa Future-se, do Ministério da Educação Entre as justificativas estão dependência do recurso público e os prejuízos econômicos YARA WALKER

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O Conselho Universitário (Cuni) da Universidade Federal de Roraima (UFRR) informou, através de nota pública nesta quarta-feira (14), que rejeitou aderir ao programa Future-se, anunciado pelo Ministério da Educação (MEC) em julho deste ano. No texto, o Conselho

SAIBA Future-se é uma iniciativa proposta pelo MEC, com o objetivo de aumentar a autonomia administrativa das Universidades Federais

explica que, em reunião extraordinária realizada na segunda-feira (12), decidiu se manifestar contrário à proposta, por entender que a minuta do programa não está detalhada. A instituição critica ainda os principais pontos apresentados pelo governo federal. “O Programa propõe alterações das atividades de ensino, pesquisa e extensão, subordi-

Arquivo/Roraima em Tempo

nando-as aos padrões do mercado, comprometendo, assim, a liberdade de pesquisa e a produção do conhecimento, o que, no caso da UFRR, inclui o estudo da diversidade local, que contribui para o desenvolvimento regional e nacional, em particular na região amazônica”, destacou a publicação. O Future-se é uma iniciativa proposta pelo MEC, com o objetivo de aumentar a autonomia administrativa das Universidades Federais. Como essas instituições sofrem com contingenciamentos de verbas e alegam prejuízos com os bloqueios no orçamento, a solução apresentada pelo governo é firmar parcerias entre a União, as universidades e as organizações sociais, e injetar recursos privados nas instituições. Conforme o texto, a decisão também está embasada na desvalorização do trabalho dos técnico-administrativos e docentes das instituições públicas, e a linguagem do mercado financeiro, além de não oferecer detalhes sobre riscos possíveis. Entre outras questões apontadas pela UFRR estão a dependência do recurso público e os prejuízos econômicos. O Reitor da UFRR, Jefferson Fernandes, reforçou no dia 24 de julho que no contexto em que a instituição está inserida não haveria possibilidades de aderir ao projeto. À época, Fernandes ressaltou que o ambien-

Universidade emitiu nota pública com explicações sobre a recusa

te acadêmico não considera o financiamento viável. “A instituição é nova e defendemos que a Universidade continue pública. Somos uma região periférica da Amazônia e temos assimetrias e vulnerabili-

Divulgação/MPAM

dades socias gigantescas, bem diferente das outras universidades do país. Não há necessidade desse autofinanciamento. A universidade possui um orçamento anual de R$ 235 milhões para se manter. Não vejo como

aderir ao projeto nesta situação”, justificou. O Future-se também estimularia que as instituições captassem recursos próprios, que auxiliassem na sua manutenção. O MEC reforçou que

População terá assistência jurídica em ação itinerante realizada pela Defensoria DA REDAÇÃO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Imigrantes vivem nas ruas de Manaus, semelhante ao que ocorre em Roraima

Operação Acolhida passa a apoiar ações de acolhimento aos venezuelanos em Manaus A Operação Acolhida informou, nessa quarta-feira (14), que o Comitê Federal de Assistência Emergencial, da última segunda-feira (12), autorizou apoio ao Amazonas, nas ações humanitárias de atendimento aos imigrantes e refugiados venezuelanos. Segundo a assessoria de comunicação, o apoio consiste no reordenamento do Terminal Rodoviário de Manaus Engenheiro Huascar Angelim, com o estabelecimento de um Posto de Recepção e Apoio, semelhante ao que ocorre em Boa Vista e Pacaraima. O espaço tem ponto de informação, espaço para crianças, guarda-volumes, instalações sanitárias, chuveiros, lavanderia, área de secagem de roupas, área de distribuição de doações

e alimentos e um refeitório. “Todos esses serviços já se encontram em funcionamento, com a participação da Força-Tarefa Logística Humanitária, Agências da ONU, ONG, entidades religiosas, além da forte atuação do próprio Governo Estadual e Municipal. Em breve, será estabelecida uma área de pernoite protegida para famílias, mulheres e homens desassistidos”, complementou. Ainda de acordo com a Acolhida, está em fase de construção um Posto de Interiorização e Triagem, para permitir a regularização de documentos migratórios, emissão de CPF e Carteira de Trabalho, vacinação e, principalmente, uma Seção de Interiorização. “Como parte do Processo

de Interiorização, foi estabelecido um Alojamento de Trânsito, com capacidade para 300 pessoas, aproveitando os diversos voos diários de Manaus disponibilizados por meio de vagas oferecidas pelas principais empresas aéreas do País, de acordo com o Protocolo de Cooperação, assinado em 25 de junho de 2019”, detalhou. Já os abrigos para indígenas e não indígenas, existentes na capital amazonense, seguirão sob a coordenação e gestão do Governo Estadual e Prefeitura, podendo a Operação Acolhida, caso necessário, “realizar ações complementares, principalmente de assessoria, aproveitando as melhores práticas que ocorrem na capital roraimense”, finalizou.

não se trata de privatizar o ensino público, e sim de criar uma nova forma de financiá-lo. A cobrança de mensalidades em cursos de graduação, mestrado e doutorado está descartada, segundo o governo.

No próximo sábado (17), a Defensoria Pública Estadual de Roraima (DPE/RR) realizará atendimento gratuito de assistência jurídica. As equipes serão divididas de modo que atuarão em dois locais em Boa Vista. Em ambos os pontos os atendimentos ocorrerão das 8h às 13h. Um deles, será nas dependências do Serviço Social da Indústria (Sesi), onde estará ocorrendo um evento alusivo ao Dia Nacional da Construção Social. Segundo a DPE/RR, além de proporcionar serviços jurídicos, o objetivo da ação é levar às pessoas informações sobre direitos individuais e coletivos que, em alguns casos, podem desconhecer.

“Embora a ação do Sesi seja voltada para os trabalhadores da indústria, a comunidade em geral pode ser atendida pela Defensoria Pública. Basta se identificar no balcão de informação ou seguir direto para a sala da Instituição”, informou o subdefensor público-geral, Oleno Matos. Ele reforçou ainda que a proposta do atendimento itinerante é ampliar o acesso aos serviços da Defensoria Pública. Pelo menos três servidores do órgão estarão atuando no Serviço Social da Indústria. Eles tiraram dúvidas e farão orientações nos casos que competem à área de atuação. Simultaneamente, outra equipe irá realizar atendimento itinerante no Salão Santa Maria, na Igreja São Francisco, localizada no bairro

de mesmo nome, zona Norte de Boa Vista. Os visitantes terão assistência jurídica integral sem custos. Dentre os serviços disponibilizados em ambos os locais, cumprimento de sentença de alimentos, interdição e curatela, tomada de decisão apoiada, divórcio sem bens, 2ª via de registro civil. Além de informações sobre processos cíveis e criminais e demais orientações jurídicas. Segundo Matos, os interessados devem comparecer munidos com Identidade e o Cadastro de Pessoa Física (CPF), além de documentos que auxiliem no atendimento, se for o caso. “Os assistidos devem estar com os documentos pessoais em mãos para ajudar os servidores a darem continuidade às orientações”, enfatizou. ASCOM/DPE

Ações ocorrerão a partir das 8h, na Igreja São Francisco e no Sesi


Local

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

A5

BALANÇO

Pobreza extrema cresce em RR e atinge mais de 47 mil pessoas, aponta levantamento Em um ano, o estado foi o que teve o maior aumento da pobreza no país, de acordo com o Ministério da Cidadania Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

WINICYUS GONÇALVES

Ainda para o sociólogo, a pobreza extrema traz consequências devastadoras para quem enfrenta essa situação no Estado. “A pobreza extrema, reduz-se o acesso a serviços públicos básicos, registra-se o crescimento de epidemias e o custo da moradia expulsa populações vulneráveis para lugares distantes e com infraestrutura precária”, conclui Chagas.

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Dados do Cadastro Único do Ministério da Cidadania (CadÚnico) mostram que a pobreza extrema em Roraima aumentou e já atinge 47 mil pessoas. Nos últimos sete anos, mais de 4 mil pessoas entraram em situação de miséria no Estado, um aumento de 10,5%.

MISÉRIA Brasileiros que vivem com renda menor que R$ 178 mensais estão abaixo da linha da pobreza

O Estado foi o que registrou o maior aumento percentual na atualização divulgada pelo Ministério da Cidadania neste mês, seguido pelo Rio de Janeiro, que viu o número de famílias em extrema pobreza crescer em 10,4%. Os dois estados passam por graves crises fiscais e têm negociado junto à União para suspender o pagamento de dívidas, para ajustar as contas dos governos estaduais. De acordo com as métricas definidas pelo Ministério da Cidadania, os brasileiros que vivem com renda menor que R$ 178 mensais estão abaixo da

Crescimento do índice foi favorecido por crises enfrentadas pelo Estado, Brasil e Venezuela

linha da pobreza. Os que sobrevivem com renda de até R$ 89 mensais ficam abaixo da linha da extrema pobreza. Em Roraima, o total de famílias inscritas no CadÚnico até junho deste ano era de 98.726 pessoas, entre as quais estão 47.026 com renda familiar per capita de até R$ 89 por mês. Dos inscritos no Estado, cerca de 17,4 mil famílias moram em Boa Vista. O Cadastro Único para

Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) identifica e caracteriza as famílias de baixa renda e é a principal ferramenta do governo federal para a seleção e a inclusão de famílias de baixa renda em programas como o Bolsa Família, por exemplo. O valor médio distribuído pelo Bolsa Família no Estado ultrapassa os R$ 10 milhões, o que resulta, em média, em

R$ 209 por família. TENSÃO Para o sociólogo Rodrigo Chagas, da Universidade Federal de Roraima (UFRR), O Estado está no meio de uma situação internacional tensionada por crises profundas, como as enfrentadas pela Venezuela e pela atual gestão, além da crise enfrentada pelo governo federal. As circunstâncias favorecem o aumento do índice de pobreza no Estado.

“As conjunturas econômicas brasileira e venezuelana revelam um quadro de fraca recuperação da atividade produtiva. As taxas de desemprego estão altas, assim como o nível de endividamento das famílias, e muitas pessoas têm tido dificuldade em honrar compromissos básicos, como o pagamento de serviços essenciais de utilidade pública e salários incapazes de alavancar um novo ciclo virtuoso”, explica o sociólogo.

BRASIL No país, a pobreza extrema aumentou e atinge 13,2 milhões de pessoas. Nos últimos sete anos, mais de 500 mil pessoas entraram em situação de miséria. O Nordeste tem o pior cenário, sendo que as maiores taxas a cada 100 mil habitantes são do Piauí (14,087), Maranhão (13,861) e Paraíba (13,106). Em 2014, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) tirou o Brasil do Mapa da Fome, composto por países em que mais de 5% da população consome menos calorias do que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Há o temor, porém, de que o país volte a fazer parte do grupo. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 2016 e 2017, a pobreza no Brasil passou de 25,7% para 26,5% da população. O número dos extremamente pobres, aqueles que vivem com menos de R$ 140 mensais, saltou, no período, de 6,6% para 7,4% dos brasileiros.

Mais de 34 mil famílias estavam endividadas em julho em Roraima; ‘falta planejamento’ BRYAN ARAÚJO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Um levantamento realizado pela Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) registrou aproximadamente 34 mil famílias endividadas no mês de julho em Roraima. Os dados integram a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), elaborada pela Confederação Nacional do Comércio (CNC). A pesquisa mostra que 71% das famílias roraimenses estavam endividadas. As principais dívidas das famílias roraimenses são o cartão de crédito (60,5%); carnê de lojas (28%) e crédito consignado (17,1%). Essas dívidas comprome-

Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

tem em média 28% da renda familiar. Os dados divulgados pelo levantamento evidenciam a dificuldade dos moradores do Estado em administrar as próprias finanças. O Instrutor de Gestão e especialista em finanças, pessoas e gerenciamento de renda do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial em Roraima (SENAC), Edson Moraes, explica que as maiores dificuldades das pessoas endividadas é a falta de planejamento com a própria renda. “Primeiro que as pessoas não sabem o que fazer com a sua renda e continuam acreditando que ela se resume apenas ao seu salário mensal, deixando, assim, de ir atrás de

novas fontes de capital. Outra situação que vemos é que elas se deixam se levar pelo agora, sendo impulsivas”, relatou o especialista. De acordo com ele, a educação financeira deve ser uma prática diária do brasileiro para que assim as pessoas possam aprender a administrar melhor a renda a fim de evitar futuras dívidas. “Hoje a educação financeira é uma realidade em países desenvolvidos, Europa e Ásia já ensinam isso nas escolas, o Brasil sente uma carência nesse ensino, primeira a educação financeira tem que entrar na rotina do cidadão, ela não pode ser algo que se aprende uma vez e depois é esquecido”, esclareceu.

WORKSHOP Para auxiliar no processo de administração financeira das famílias de Roraima, o Senac Roraima promove no dia 6 de setembro o Workshop “Educação e planejamento financeiro pessoal”. O Curso será realizado na Unidade, localizado na avenida Major William, bairro São Francisco. O Workshop apresentará as dificuldades e a falta de conhecimento que as pessoas possuem em administrar seu próprio dinheiro. “O curso também abordará as técnicas que podem auxiliar uma melhor gestão dos seus recursos e possíveis formas de trabalhar melhor os seus recursos”, explicou o especialista Edson Moraes.

Senac realiza Workshop sobre educação financeira


A6

Local

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

INSCRIÇÕES

Seletivo oferta 39 vagas temporárias para formação de brigadas em Roraima Candidatos podem se inscrever presencialmente até o dia 16 de agosto deste ano YARA WALKER

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O Núcleo de Gestão Integrada (NGI), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), divulgou nesta semana processos seletivos para formação de brigada temporária de combate a

REMUNERAÇÃO Para o cargo de chefe de esquadrão o salário é de um salário mínimo e meio, mais auxílios

incêndios florestais e apoio operacional no estado de Roraima. As inscrições são presenciais, e podem ser feitas até o dia 16 de agosto deste ano, nas sedes do ICMBio

Divulgação/IBAMA

em Boa Vista ou Caracaraí. São 39 vagas para atuação nas unidades de conservação vinculadas ao NGI, sendo duas de chefes de esquadrão, 12 para brigadistas pelo período máximo de seis meses, nos municípios de Alto Alegre, Amajari e Mucajaí (RR). Os contratados também vão atuar na Estação Ecológica de Maracá e Flora de Roraima. Nos municípios de Caracaraí e Rorainópolis, os aprovados vão trabalhar nas unidades de conservação Parque Viruá, Parque Serra da Mocidade, Estação Niquiá e Floresta Anauá. São quatro vagas para chefes de esquadrão e 20 para brigadistas, também por seis meses, e uma vaga de brigadista pelo período máximo de três anos. Para o cargo de chefe de esquadrão o salário é de um salário mínimo e meio, mais auxílios. Para a vaga de Brigadista o valor é de um salário mínimo e auxílios. Outras informações podem ser obtidas na plataforma do ICMBio.

Contratados também vão atuar na Estação Ecológica de Maracá e Flora de Roraima

Recadastramento de insulinodependentes continua a ser realizado pela Prefeitura de BV BRYAN ARAÚJO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O recadastramento dos insulinodependentes (pessoas que fazem uso de insulina) continua a ser realizado pela Prefeitura de Boa Vista na Superintendência de Atenção Farmacêutica (SAF), localizada na Avenida Capitão Júlio Bezerra, 1150, bairro Aparecida. O atendimento é feito em horário comercial. De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, a ação faz parte do programa de auto monitoramento glicêmico da prefeitura. A realização desse processo é necessária para a atualização de informações, dados e entrega de insumos.

da Certidão de Nascimento, acompanhada da cópia do Documento de Identificação do responsável.

O solicitante não pode esquecer também da cópia do Cartão Nacional de Saúde - Cartão SUS; CPF e laudo mé-

dico com prescrição de insulina e/ou prescrição de auto monitoramento glicêmico quando se tratar de DMG. SEMUC/PMBV

O comprovante de endereço com data inferior a 90 dias. O comprovante deverá estar no nome do próprio paciente ou parentes que pertençam a primeira linha de parentesco (pai, mãe, filho e tio). DIABÉTICOS EM BOA VISTA A injeção de insulina é considerada uma companheira inseparável no dia a dia dos diabéticos. Em julho, o Ministério da Saúde (MS) divulgou levantamento que aponta que o percentual de pessoas com diagnóstico médico de diabetes reduziu 2,2% na população adulta de Boa Vista em um ano. O índice passou de 8,1% em 2017 para 5,5 em 2018. Os dados integram a pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel). De acordo com o levantamento, a frequência nacional de adultos que referiam diagnóstico de diabetes variou entre 5,2% em Rio Bran-

DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA O formulário de solicitação de insumos para diabéticos em insulinoterapia deve estar totalmente preenchido pelo médico da Atenção Básica, o qual é responsável pelo acompanhamento do usuário portador de diabetes mellitus, com data inferior a 6 meses à data de solicitação dos insumos. É exigida ainda, a cópia de Documento de Identificação com foto (RG, Carteira de Trabalho, Habilitação e Carteira Profissional). Nos casos do requerente ser criança poderá ser apresentada a cópia

co e 8,8% no Rio de Janeiro. Os menores índices foram identificados na região Norte do país, na qual Boa Vista ocupa a 3ª posição do ranking das capitais com os menores diagnósticos da doença. Na média das 27 cidades, a frequência do diagnóstico médico de diabetes foi de 7,7%, sendo maior entre as mulheres (8,1%) do que entre os homens (7,1%). Em ambos os sexos, a incidência dessa condição aumentou intensamente com a idade e diminuiu com o aumento da escolaridade. Em um primeiro momento, o dado pode parecer positivo, todavia também pode sinalizar uma subnotificação dos casos, já que a população entrevistada poderia não ter acesso ao exame para diagnóstico médico da diabetes. O estudo indica essa discrepância na comparação entre as altas frequências de obesidade, excesso de peso e índice de inatividade física em Boa Vista.

ONG oferta curso de formação em empreendedorismo gratuita em Boa Vista

Injeção de insulina é considerada uma companheira inseparável no dia a dia dos diabéticos

O projeto Redes de Integração Socioeconômica (CIEDS e Fundação IOCHPE) abre inscrições para a Formação em Direitos, Cultura e Habilidades para a Vida. Essa é a primeira etapa da formação em empreendedorismo para gerar renda e negócios em Boa Vista. A segunda etapa acontece no final do segundo semestre de 2019 e terá um processo seletivo onde os 10 melhores negócios ganharão investimento e acompanha-

mento por meio de uma incubadora. O prazo de inscrição segue até o próximo dia 18. Pode se inscrever qualquer pessoa com mais de 18 anos. A formação é totalmente gratuita e acontecerá em diferentes locais da cidade de Boa Vista. Os inscritos podem escolher em qual período do dia é melhor para participar (manhã, tarde ou noite), as aulas aos sábados é comum a todos os participantes.


Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Publicidade

A7


A8

Política Nacional

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

ACORDÃO?

Rodrigo Maia diz que não vai pautar projeto que barra Eduardo Bolsonaro em embaixada Maia disse que decisão cabe ao Senado e o projeto sobre nepotismo será pautado após conclusão da análise da indicação Agência Câmara

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nessa quarta-feira (14) que “não há chance” de pautar projeto que  barra indicação de Eduardo Bolsonaro  (PSL-SP) para embaixada. A declaração foi dada em entrevista coletiva ao chegar à Câmara Federal. “Não existe projeto aqui

BARREIRA Um projeto de lei que impediria a nomeação de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos avançou na Câmara

que tenha nome e que seja contra alguma pessoa. Se o projeto do nepotismo passar ele não será misturado nem acelerado porque o presidente vai encaminhar o nome do filho a uma indicação da embaixada”, declarou. O demista afirmou que a decisão cabe ao Senado e que o projeto de lei que trata de nepotismo só será pautado após a conclusão da análise da indicação de Eduardo.

Maia afirmou que não quer prejudicar o governo

“Essa vai ser uma decisão do Senado, o deputado vai ser sabatinado, aprovado ou rejeitado pelo plenário, mas de forma nenhuma aprovar um projeto que tire o direito que hoje o deputado tem”, falou. Um projeto de lei que im-

pediria a nomeação de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos avançou na Câmara dos Deputados ontem. O PL 198/2019, que ganhou uma emenda do relator  Kim Kataguiri (DEM-SP) para transformar

em nepotismo a indicação de parentes para o cargo de ministros e embaixadores, foi aprovado na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP) da Casa Legislativa. O texto aprovado na comissão classifica como

nepotismo a nomeação de cônjuges, companheiros ou parentes em linha reta da autoridade nomeante ou de servidor da mesma unidade administrativa investido em cargo de direção, chefia ou assessor para o exercício do

cargo de ministro ou chefe de missão diplomática. Hoje, a lei já proíbe o servidor de manter sob sua chefia imediata, em cargo ou função de confiança, cônjuge, companheiro ou parente até o segundo grau. Por: Congresso em Foco

PT aguarda Lula para definir candidato em São Paulo

Senadores vão propor reforma do Judiciário

O PT espera ouvir a avaliação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para avançar na definição na eleição para prefeito de São Paulo em 2020. No partido existem alas que defendem uma candidatura própria e que querem apoiar o ex-governador Márcio França (PSB-SP). De acordo com a presidente do partido, Gleisi Hoffmann, o ex-presidente Lula ainda não externou sua opinião. São citados como possíveis pré-candidatos da sigla na capital paulista os nomes do ex-deputado Jilmar Tatoo e dos deputados federais Paulo Teixeira e Carlos Zarattini. Os ex-ministros Fernando Haddad e Aloizio Mercadante também foram sondados por setores do PT, mas ambos já negaram a intenção de entrar

O Movimento Muda Senado, Muda Brasil - que foi lançado nessa terça-feira (13) durante um ato de apoio ao pedido de impeachment do ministro Dias Toffoli  e já conta com o apoio de 1/4 do Senado - também quer colocar a reforma do Poder Judiciário na lista de reformas que o Congresso deve votar neste ano. Por isso, vai apresentar uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de Reforma do Judiciário nas próximas semanas. A PEC será apresentada por todos os 21 senadores que compõem o movimento com o objetivo de remover “os gargalos de eficiência e eficácia do Poder Judiciário no país” e foi incluída na pauta do movimento ontem. É que, ao ganhar novos integrantes, o movimento também construiu um manifesto, com seus pleitos e suas explicações. O documento, ao qual o  Congresso em Foco  teve acesso, elenca três projetos que os senadores querem destravar para atender os anseios da sociedade, que, segundo eles, segue pedin-

PRISÃO DE LULA Gleisi reafirmou a intenção do presidente em não querer solicitar progressão para o regime aberto ou semiaberto e disse que Lula quer a anulação da pena, mesmo que não tenha esperança que isso aconteça em um futuro próximo. Lula está preso desde o DIVULGAÇÃO

LEGENDA LEGENDA

dia 7 de abril de 2018 na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Ele foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A presidente do PT também disse que o ex-mandatário da República ficou animado com o grupo de 82 deputados de 12 partidos (PRB, PSB, PDT, PMDB, PSOL, Podemos, PSD, PL, PP, CIDADANIA, PCdoB, PT) que foram ao Supremo Tribunal Federal (STF) para impedir a transferência dele para um presídio comum em São Paulo. O ex-presidente na terça-feira (13) enviou uma carta ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para agradecer o apoio recebido no dia em que a justiça tentou transferi-lo para a prisão de Tremembé, no interior de São Paulo. A decisão foi negada pelo STF. Na ocasião, Maia ofereceu apoio à bancada do PT e chegou a segurar a votação da reforma da Previdência para que os deputados discutissem a questão. Por: Congresso em Foco

EXPEDIENTE

na disputa. Outro que foi consultado sobre a possibilidade de representar o PT na eleição municipal foi o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, que também negou. “Eu fiquei muito feliz pela lembrança, mas já informei que em decorrência de compromissos profissionais e acadêmicos e não tenho, infelizmente, a condição de assumir esse desafio”, disse ao Congresso em Foco.

DIREÇÃO GERAL: ROSILENE BRITO DIREÇÃO COMERCIAL: CYNTHIA NOLETO EDITOR-CHEFE: JOSUÉ FERREIRA EDITORA: NEIDIANA OLIVEIRA EDITORES SETORIAIS: NONATO SOUSA, PLINIO VICENTE, SÉRGIO PAULO REPÓRTERES: ANA PAULA LIMA, ANDERSON SOARES, GABRIELA GUIMARÃES, NAILSON ALMEIDA, YARA WALKER E WINICYUS GONÇALVES

do renovação política no Brasil. São eles: CPI da Lava Toga, processos de investigação e fiscalização como os pedidos de impeachment dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e reforma do Poder Judiciário. “Para inaugurar uma nova forma de funcionamento desta casa legislativa, onde a transparência é regra e não exceção e onde o Senado Federal responde aos anseios das ruas, os signatários deste manifesto exigem: A votação do requerimento de abertura da CPI das Cortes Superiores; a tramitação de todos os processos de investigação e fiscalização conduzidos pelo Senado Federal, incluindo requerimentos de informação, CPIs e pedidos de impeachment que atendam aos requisitos legais; a tramitação acelerada da PEC de Reforma do Judiciário que será apresentada nas próximas semanas por todos os signatários do presente manifesto”, diz o documento. “É absolutamente in-

dispensável ter clareza e transparência nas atitudes que vêm do Judiciário, da cúpula do Judiciário e do Supremo Tribunal Federal, pois estamos presenciando uma sequência de abusos que vão na contramão do que o Brasil quer”, defendeu o senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES), explicando que “o Brasil foi às urnas votar em mudança, combate à corrupção, mas está recebendo de volta o desmonte das estruturas de combate à corrupção e a permanência dos mesmos atores de sempre no poder”. Apontado como um dos líderes do movimento, Vieira contou ainda que Manifesto Muda Senado, construído nesta quarta-feira, agora está recebendo as assinaturas dos 21 senadores que já demonstraram apoio ao movimento para ser apresentado formalmente ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Ele também não descarta que outros parlamentares engrossem a lista de signatários do Muda Senado. Por: Congresso em Foco

FOTÓGRAFOS: EDINALDO MORAIS DIAGRAMADORES: NAZARENO NEVES E JÚNIOR PINHEIRO EDITORA ON LINE LTDA ENDEREÇO: ALAMEDA CANARINHO, 150, CANARINHO, BOA VISTA/RR – CEP. 69.306-580 FONE: 95 3624 6958 EMAIL JORNALISMO: jornalismo@roraimaemtempo.com.br EMAIL ADMINISTRATIVO: administrativo@roraimaemtempo.com.br EMAIL COMERCIAL: comercial@roraimaemtempo.com.br


Economia A9

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

AVANÇO

Economia brasileira subiu 0,2% no 2º trimestre, mostra monitor do PIB da FGV Segundo análise dos economistas do mercado, indicador afasta o risco de ‘recessão técnica’ no país, após retração da atividade econômica no 1º trimestre DIVULGAÇÃO

COTAÇÕES

Bolsa despencou e perdeu 2,94%; o dólar avançou para R$ 3,82 SÃO PAULO - O principal índice da Bovespa fechou em alta nesta quarta-feira (3), refletindo o cenário internacional mais positivo, com investidor monitorando o avanço da tramitação da reforma da Previdência. Indicadores econômicos desses países trouxeram novos sinais de que a guerra comercial travada entre Estados Unidos e China há mais de um ano tem impacto sobre as economias de outros países e pode forçar uma desaceleração global. Na China, o varejo e a indústria cresceram menos que o esperado, enquanto na Alemanha o PIB (Produto Interno Bruto) encolheu 0,1% no segundo trimestre ante os primeiros três meses do ano, deixando o país à beira de uma recessão. BOLSA O Ibovespa, principal índice acionário do Brasil, despencou 2,94%, a 100.263 pontos. As Bolsas americanas e a brasileira tombaram, em um termômetro da fuga de investidores de investimentos arriscados. O principal termômetro da aversão a risco no exterior é, no entanto, a inversão da curva de juros dos Estados Unidos. Nesta quarta, os juros de 10 anos ficaram abaixo dos de dois anos durante o pregão, um prenúncio de recessão, na avaliação de investidores. Ao final do dia, terminaram praticamente empatados. O cenário negativo para a economia real espalhou essa reação típica de aversão a risco nos mercados financeiros, quando investidores vendem ativos de maior risco e se refugiam em investimentos que consideram seguros. O resultado é um tombo nas Bolsas e desvalorização de moedas emergentes ante o dólar.

DEMANDA Pela ótica da demanda, o consumo das famílias cresceu 0,7%, o 10º crescimento consecutivo deste componente, e a formação bruta de capital fixo voltou a crescer (2,3%), após dois recuos consecutivos RIO - A economia brasileira registrou crescimento de 0,2% no 2º trimestre, na comparação com os 3 primeiros meses do ano, segundo dados do Monitor do PIB-FGV, divulgados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) nesta quarta-feira (14). No mês de junho, o indicador avançou 0,7% ante maio. Segundo a FGV, a alta no 2º trimestre é explicada pelo desempenho do setor de serviços, único dos três grandes setores de atividade a apresentar crescimento no período (0,3%). Pela ótica da demanda, o consumo das famílias cresceu 0,7%, o 10º crescimento consecutivo deste

Os números oficiais do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro referente ao segundo trimestre serão divulgados pelo IBGE no próximo 29 deste mês

componente, e a formação bruta de capital fixo voltou a crescer (2,3%), após dois recuos consecutivos. “O crescimento de 0,2% da economia neste segundo trimestre, segundo o Monitor do PIB-FGV, põe a economia de volta a trajetória de crescimento que ha-

via se perdido no primeiro trimestre. Entre os três grandes setores, a agropecuária e a indústria apresentam taxas negativas, salvando-se os serviços que já apresenta taxas positivas há dez trimestres”, afirmou Claudio Considera, coordenador do Monitor do PIB-FGV.

CÂMBIO DO DIA COMPRA E VENDA

Dólar Comercial R$ 4,0397/R$ 4,0405 (+1,855%) Euro R$ 4,4980/R$ 4,5005 (+1,624%) Libra R$ 4,8688/R$ 4,8718 (+1,882%) Peso argentino R$ 0,0671/R$ 0,0672 (-5,891%) Bolívar oficial R$ 1,00=Bs 2.477,00/BS 2.501,77 Paralelo Santa Elena R$ 1,00=Bs 3.559,21/Bs 3.594,80 Dólar Guianense oficial R$ 1,00=GYD$ 51,72/GYD$ 52,23 Paralelo Lethem R$ 1,00=GYD$ 56,89/GYD$ 57,46

expandir a taxas mais robustas”, acrescentou. O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia. Os números oficiais do segundo trimestre serão divulgados pelo IBGE em 29 de agosto. (Fonte: AG).

Investimento estrangeiro cresceu 13,2% na AL em 2018, diz Cepal MARCOS SANTOS/USP IMAGENS

DÓLAR O dólar comercial fechou o dia em forte queda de 1,855%, cotado a R$ 4,0405. O Euro também se desvalorizou e fechou a R$ 4,5005, recuo de 1,624%.(Fontes: AE/JB/UOL/Reuters).

“Na comparação contra o mesmo trimestre do ano anterior, o crescimento é fraco, mas positivo como já ocorre desde o quarto trimestre de 2016. Os dados mostram que, apesar do crescimento, a economia ainda não consegue se

Sede da Cepal em Santiago do Chile. Segundo a entidade, o Brasil foi destino de 48% do total de investimentos na região.

SANTIAGO - O investimento estrangeiro direto na América Latina cresceu 13,2% em 2018 em relação ao ano anterior, totalizando US$ 184,287 bilhões, informou a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) nesta quarta-feira (14). Segundo a entidade, que tem sede em Santiago, capital do Chile, o resultado reverte cinco anos de queda de investimento. O aumento do reinvestimento de lucros e empréstimos entre empresas explica o resultado, segundo o relatório. “Ao analisar os diferentes componentes do IED, observa-se que a recuperação do dinamismo em 2018 não se baseou na entrada de aumentos de capital, que seria a fonte mais representativa do interesse renovado das empresas para se estabelecerem

nos países da região, mas no crescimento do reinvestimento dos lucros e dos empréstimos entre empresas”, indica o documento. O Brasil foi destino de 48% do total da região, equivalente a US$ 88,3 bilhões. O México recebeu outros US$ 36,9 bilhões, ou 20% do total. Os resultados mostram uma grande heterogeneidade nos resultados nacionais: em 16 países, há um aumento das entradas em comparação com 2017 e, em 15 países, há uma diminuição. Houve crescimento em termos de valor recebido também pela Argentina (US$ 11,9 bilhões, alta de 3,1% com relação a 2017), Colômbia (US$ 11,3 bilhões, queda de 18%) e Panamá (US$ 6,6 bilhões, aumento de 36,3%). (Fontes: AP/Reuters).

Crescimento da China caiu em julho para o menor nível em mais de 17 anos STEVE HELBER/AP

PEQUIM - A economia da China piorou mais do que o esperado em julho, com o crescimento da produção industrial desacelerando para uma mínima de mais de 17 anos, conforme a intensificação da guerra comercial com os Estados Unidos pesa sobre empresas e consumidores. A atividade na China continua a esfriar apesar de uma série de medidas ao longo do último ano, levantando dúvidas sobre se seria necessário um estímulo mais rápido, mesmo que isso possa levar ao aumento da dívida.

“A economia da China precisa de mais estímulo porque os obstáculos são bastante fortes e os dados de hoje são muito mais fracos do que o consenso”, disse nesta quarta-feira (14) Larry Hu, diretor no Macquarie Group. O crescimento da produção industrial desacelerou para 4,8% em julho sobre o ano anterior, mostraram dados da Agência Nacional de Estatísticas, abaixo da previsão mais baixa em pesquisa da Reuters e o ritmo mais fraco desde fevereiro de 2002. Analistas previam um enfraquecimento para 5,8%, após taxa de 6,3% em junho. (FonDados oficiais mostram que o crescimento da produção industrial caiu para 4,8% em julho sobre o ano anterior tes: AP/AFP/Reuters).


A10

Economia

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

A RIQUEZA DO CAMPO

Valor da produção agropecuária do País em 2019 deve chegar a R$603,4 bilhões Segundo dados do levantamento divulgado pelo Ministério da Agricultura, o valor registrado pelo agronegócio deverá ser o segundo maior alcançado pelo setor em 30 anos DIVULGAÇÃO

S

ALTERNATIVAS

O Brasil vem tendo um ano de alta nas carnes, especialmente com o aumento das exportações para a China, cuja criação de porcos foi dizimada pela peste suína africana, levando o país a buscar tanto proteínas alternativas quanto a própria carne suína em outras nações

Segundo o Ministério da Agricultura, o VBP estimado para a carne de frango registra alta de 13,4% na comparação anual, seguido por altas de 9,3% em suínos e de 1,3% em bovinos

Comercialização da nova Total de carne bovina brasileira exportada safra de soja ganha ritmo em julho registrou 111,5 mil toneladas DIVULGAÇÃO

CUIABÁ - A comercialização antecipada de soja em Mato Grosso para a safra 2019/2020 chegou a 25,3% da safra estimada em 32,8 milhões de toneladas. A projeção é do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (IMEA), pertencente ao relatório de agosto divulgado nesta quarta-feira (14). Em julho, o percentual comercializado era de 23,2%, e em igual período do ano

passado, os produtores haviam negociado 21,4%. A comercialização de soja do estado para a safra 2018/2019 chegou a 87%. Em julho, a comercialização estava em 83,9%. Em igual período do ano passado, os produtores haviam negociado 90,04% da safra. A produção de soja do Mato Grosso está estimada em 32,500 milhões de toneladas.(Fontes: Canal Rural/Agência Safras). DIVULGAÇÃO

Em julho, o total comercializado era de 23,2% contra 21,4% em 2018

SÃO PAULO - As exportações de carne bovina in natura do Brasil renderam US$ 430,5 milhões em julho, com média diária de US$ 22,7 milhões, mostram os dados do Ministério da Indústria, Comércio e Serviços e divulgados nesta quarta-feira (14) pela Secretaria de Comércio Exterior. A quantidade total exportada pelo país chegou a 111,5 mil toneladas, com média diária de 5,9 mil toneladas. Já o preço médio da tonelada ficou em US$ 3.860,70. Na comparação com julho, alta de 4,2% no valor médio diário da exportação, ganho de 4,7% na quantidade média diária exportada e queda de 0,5% no preço. Na comparação com junho de 2018, houve ganho de 108,8% no valor médio diário, alta de 126,1% na quantidade média diária e recuo de 7,7% no preço médio. A associação entre oferta limitada e escalas enxutas mantêm o mercado do boi gordo com os preços sustentados. O cenário é compartilhado pela maioria das regiões acompa-

Na comparação com julho, alta de 4,2% no valor médio diário da exportação

nhadas pela consultoria. Com a programação de abate apertada, as indústrias saem às compras com mais apetite para reabastecer o estoque e conseguir atender a demanda”, diz a empresa, em relatório. Por outro lado, a missão dos Estados Unidos para inspecionar frigoríficos brasileiros com o objetivo de avaliar a retomada das exportações de carne bovina deixou um relatório positivo. A exportação de carne bovina

do Brasil para os Estados Unidos, está suspensa desde junho de 2017, devido a reações provocadas no rebanho pela vacina contra a febre aftosa. Na avaliação da ministra da agricultura, Tereza Cristina, o Brasil já cumpriu todas as exigências feitas pelos americanos em relação à qualidade do produto e agora o país estaria pronto para retomar as exportações de carne bovina in natura ao país. (Fontes: Canal Rural/Agência Safras).

Comprar milho e engordar o rebanho fica nais caro em agosto MADSON MARANHÃO/SEAGRO-TO

CAMPINAS - Os preços do milho subiram no mercado interno em agosto acompanhando a valorização do dólar e a expectativa de uma boa movimentação para exportação, que na realidade já vem acontecendo desde meados de maio, informou esta quarta-feira (14) uma empresa que presta consultoria para o setor. Segundo os consultores, emm julho, a média diária exportada aumentou 281,2% em relação à média do mês anterior. Na comparação com a média de julho do ano passado, os embarques cresceram 416,4%.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, na região de Campinas (SP), o milho foi negociado por R$ 38 por saca, sem o frete. Houve alta de 1,3% na comparação mensal, mas ainda assim o cereal está custando 5% menos frente a agosto de 2018. Com a alta no preço do grão e o preço da arroba do boi gordo em patamar ligeiramente mais baixo que a média de julho, a relação de troca piorou para o pecuarista em agosto. Na praça de São Paulo, atualmente é possível comprar 4,08 sa-

cas de milho com o valor de uma arroba de boi gordo. O poder de compra em relação ao alimento concentrado diminuiu 1,5% na comparação mensal, mas melhorou 12,5% em relação a agosto de 2018. Isto significa quase meia arroba a menos para a compra da mesma quantidade de milho. Para o curto e médio prazos, a expectativa é de que os embarques continuem em ritmo forte em agosto, o que deverá manter firmes os preços do milho no mercado interno. (Fontes: Canal Rural/Agência Safras).

O milho saiu por R$ 38 a saca, sem o frete, alta de 1,3% na comparação mensal

BRASÍLIA - O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) do Brasil em 2019 foi estimado em R$ 603,4 bilhões, alta de 1,2% em relação a 2018 e segunda maior marca registrada pelo país, informou o Ministério da Agricultura nesta quarta-feira (14). Segundo o governo, o valor é o segundo maior alcançado pela agropecuária em 30 anos, quando iniciou a série histórica do levantamento. O primeiro ocorreu em 2017, com R$ 607,9 bilhões. O VBP é calculado com base nos preços recebidos por agricultores e criadores pela produção agrícola e pecuária. Em nota, a pasta disse que, apesar de uma tendência de baixa no valor bruto das lavouras, que devem representar R$ 399 bilhões, há um avanço de 4,5% na pecuária, para R$ 204,4 bilhões. Em 2019 o Brasil vem tendo um ano de alta nas carnes, especialmente com o aumento das exportações para a China, cuja criação de porcos foi dizimada pela peste suína africana, levando o país a buscar tanto proteínas alternativas quanto a própria carne suína em outras nações. Segundo o ministério, o VBP estimado para a carne de frango registra alta de 13,4% na comparação anual, seguido por altas de 9,3% em suínos e de 1,3% em bovinos. Em termos de lavouras, a pasta destacou importância da safra de milho para o VBP, com uma participação de R$ 60,4 bilhões, o que a torna a segunda principal cultura do país, depois da soja, cujo VBP estimado alcança os R$ 129 bilhões. De acordo com pesquisa realizada pela Reuters com especialistas e instituições, o Brasil deverá colher 101,91 milhões de toneladas de milho em 2019/20, um novo recorde para o produto. O ministério ressalta, porém, que foi detectado um desempenho negativo em alguns dos principais cultivos brasileiros, como soja, café e cana-de-açúcar, pressionados especialmente pelos baixos preços vigentes no mercado internacional.


Mundo A11

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

TRAGÉDIA NA TERRA ANDINA

Deslizamento de terra deixa pelo menos quatro mortos em Valparaíso, leste do Chile As autoridades temem que o número de mortos seja maior, já que o deslizamento ocorreu em uma movimentada zona da cidade litorânea, um dos destinos turísticos mais visitados do país RAUL ZAMORA/AFP

MAIS MORTOS As autoridades e os bombeiros de Valparaíso temem que o número de mortos seja maior, já que o deslizamento ocorreu em uma movimentada zona da cidade, uma das mais visitadas do Chile VALPARAÍSO - Ao menos quatro pessoas morreram e duas ficaram feridas em um deslizamento de terra em um morro em Valparaíso, cidade turística e centro pesqueiro na costa do Chile, segundo divulgado na manhã desta quarta-feira (14), pelo governador regional, Jorge Martínez. O deslizamento ocorreu em uma área no centro de Valparaíso, 120 km a oeste de Santiago, e a terra atingiu e arrastou uma casa. Martínez declarou à estação de TV Canal 13 que “foram resgatadas duas crianças com vida, um menino e uma menina” e “ao que parece há quatro mortos” sob a terra. Imagens que circularam logo após o deslizamento mostravam uma nuvem de poeira e pessoas apavoradas, que inicialmente pensaram se tratar de um terremoto.

O deslizamento ocorreu em uma área no centro de Valparaíso, 120 km a oeste de Santiago, e a terra atingiu e arrastou uma casa. Foram resgatadas duas crianças com vida, mas pode haver quatro mortos sob a terra

Equipes de bombeiros e ambulâncias foram enviados rapidamente ao local, e os socorristas passaram a procurar pessoas sob os escombros enquan-

JOSÉ ROBERTO ALVES/RPC

Protestos vão manter a Ponte da Amizade fechada por tempo indeterminado

Policia paraguaia reprime manifestantes e bloqueia acesso à Ponte da Amizade CIUDAD DEL LESTE - Manifestantes e policiais paraguaios entraram em confronto no fim da manhã desta quarta-feira (14) em Ciudad del Este, na fronteira com o Brasil. As autoridades locais não divulgaram informação sobre a existência de feridos e quantas pessoas foram detidas pela polícia. O grupo pede a destituição do presidente Mario Abdo Benítez por conta de um acordo em que o Paraguai se comprometia a comprar energia mais cara do que o habitual da Usina de Itaipu, que pertence aos dois países, feito no fim de maio. Diante da ameaça de impeachment de Benítez, o acordo foi cancelado entre os dois países no dia 1º deste mês

Por conta dfato de o protesto ter-se concentrado no acesso ao centro de orodutos importados, o trânsito na Ponte Internacional da Amizade, entre Ciudad del Este e Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, foi bloqueado pouco antes das 11h. Também em função dos protestos, a maioria das lojas fechou as portas. Essa grande mobilização deverá se repetir nesta quinta-feira (15) e está prevista para ocorrer em todo o Paraguai. De acordo com os manifestantes, a previsão é de greve geral mantenha o fechamento da Ponte Internacional da Amizade por tempo indeterminado. (Fontes: AP/ EFE/RPC/Reuters).

to a noite caia sobre a cidade de 295 mil habitantes. As autoridades temem que o número de mortos seja maior, já que o deslizamento ocorreu

em uma movimentada zona da cidade, uma das mais visitadas do Chile. A casa soterrada estava localizada no cerro Bellavista, e segundo os

bombeiros, os escombros caíram sobre um estacionamento e uma escada. Cães treinados auxiliam na busca de sobreviventes. Os serviços de resgate adian-

taram que as duas crianças resgatadas estão “sob observação médica sem risco vital”, revelou Jorge Scharp, prefeito de Valparaíso. (Fontes: AP/AFP/Reuters).

Ministro que é comandante dos militares descarta golpe ou governo de transição da Venezuela CARACAS - O principal comandante das Forças Armadas da Venezuela descartou nesta quarta-feira (14) a possibilidade dos militares darem um golpe de Estado contra o ditador Nicolás Maduro ou de apoiarem a criação de um governo de transição. “Aqui não vão instalar nenhum governo porque as Forças Armadas são conscientes de suas obrigações morais e constitucionais”, disse o o ministro da Defesa e comandante dos militares, general Vladimir Padrino López. Ele afirmou ainda que seus homens não irão mudar de lado. “Vamos defender a democracia, o presidente Nicolás Maduro que foi eleito pelo povo”, completou o ministro. A afirmação foi feita durante um ato com comandantes das Forças Armadas contra as novas sanções impostas pelo governo de Donald Trump contra Caracas. Padrino chamou de “traidores” os opositores do ditador por apoiarem as sanções americanas. O apoio das Forças Armadas é um dos principais pilares de sustentação do regime. O líder opositor Juan Guaidó, reconhecido por mais de 50 países como presidente interino da Venezuela, já tentou algumas vezes convencer os militares a mudarem de lado e apoiarem a saída de Maduro, mas não obteve sucesso. Também nesta semana o regime Maduro tomou novas medidas contra a Assembleia Nacional, órgão liderado por Guaidó e que conta com maioria opositora.

O Tribunal Supremo de Justiça (TSJ), controlado pelo regime, anunciou que tirou o retirou o foro privilegiado de mais quatro deputados da Assembleia: José Guerra, Tomás Guanipa, Juan Pablo García e Rafael Guzmán. Segundo o tribunal, o grupo irá responder na Justiça por “traição à pátria, instigação à insurreição, rebelião civil, associação para delinquir, desobediência das leis e ódio”. Com a medida, subiu para 25 o número de deputados que perderam a imunidade e dois deles estão presos, Juan Requesens e Edgar Zambrano. Além disso, alguns parlamentares, como Freddy Guevara, procuraram abrigo em embaixadas e outros já fugiram do país.

Pela Constituição venezuelana, a partir desta quinta (15), a Assembleia Nacional deveria entrar em Recesso. Guaidó, porém, defendeu a realização de sessões extraordinárias “nem que coloquem tanques diante da entrada do prédio”. Ele acrescentou que “a Constituição garante que em condições extraordinárias, podemos continuar realizando sessões. Portanto vamos fazer isso, está dentro da lei”. Na noite de segunda-feira (12), o número dois do chavismo, Diosdado Cabello, provocou os deputados da Assembleia e indicou que os parlamentares poderiam ser presos. “Cuidado com o que pode acontecer quando voltarem de férias, vamos fazer a vida de vocês impossível”, disse o

dirigente durante seu programa na TV estatal. Ontem, o El Nacional, jornal venezuelano ainda independente, embora tenha acabado com a edição impressa porque o governo proibiu a importação de papel, garantiu que o regime de Maduro pretende dar um golpe ainda mais duro na oposição. Usando declarações de deputados da Assembleia Constituinte, o jornal afirma que Maduro determinou ao Tribunal Supremo de Justiça (TSJ), sentencie a prisão de Juan Guaidó, autoproclamado presidente da Venezuela que conta com o reconhecimento de dezenas de governos, o principal deles o dos Estados Unidos. (Fontes: AP/ AFP/EFE/Reuters). MARCELO GARCIA/AFP

O ditador Maduro, sua mulher Cilia Flores (esq.) e o ministro Vladimir Padrino López (dir), durante cerimônia em Caracas


A12

Mundo

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

ATENTADO TERRORISTA

Explosões de carros-bomba deixam mais de 50 mortos no sul da Somália O Al-Shabab reivindicou autoria do ataque e Ainda não se sabe o número de vítimas. O grupo terrorista afirma que mais de 50 pessoas morreram, além de dois de seus membros OMAR FEISAL/REUTERS

NO MEIO DA MANHÃ As bombas explodiram no meio da manhã (horário local) do lado de fora da base, que fica no estado de Lower Shabelle, em Awdhigle, distrito agrícola a cerca de 70km a sudoeste da capital, Mogadíscio.

Um fotógrafo da agência de notícias AFP constatou que havia numerosos corpos no chão do hangar onde imigrantes estavam abrigados em Tajoura, periferia de Trípoli

MOGADÍSCIO - Uma explosão de carros-bomba em uma base militar no sul da Somália deixou mais de 50 mortos nesta quarta-feira (14), informou a Reuters, mas ain-

da não se sabe o número total de vítimas. Um oficial militar de uma cidade na região, que confirmou as mortes, também disse que o grupo Al-Shabab, que assumiu a

autoria do ataque, cortou parte das telecomunicações. De acordo com o militar, as bombas explodiram do lado de fora da base, que fica no estado de

Lower Shabelle, em Awdhigle, distrito agrícola a cerca de 70km a sudoeste da capital, Mogadíscio. Segundo a Reuters, o ataque ocorreu no meio da manhã (horário local).

Aeroporto de Hong Kong volta a operar após os protestos HONG KONG - A maioria dos voos já decolava normalmente nesta quarta-feira (14), do aeroporto de Hong Kong, após o caos da véspera, quando o local foi ocupado

pelo segundo dia consecutivo por manifestantes pró-democracia. Os manifestantes chegaram a bloquear o caminho dos passageiros no 8º maior aeroporto do mundo MIGUEL CANDELA/EFE

Apenas um pequeno grupo de manifestantes ainda permanecia ontem no terminal aéreo, a maioria dormindo

em volume de pessoas como parte dos protestos que sacodem o território há mais de dois meses. Ainda não se sabe se haverá novas ações nesta quarta, mas no inicio do dia a maioria dos ativistas já havia abandonado o local e as operações voltavam à normalidade. O site do aeroporto mostra que dezenas de voos partiram durante a noite e centenas foram programados para o dia, apesar dos atrasos. Apenas um pequeno grupo de manifestantes ficou no local, a maioria dormindo. Hong Kong atravessa sua pior crise política desde que o Reino Unido devolveu o território à China, em 1997. O movimento, que surgiu em junho em razão de um projeto de lei que autorizaria extradições para Pequim, ampliou suas reivindicações para denunciar a redução de liberdades e as ingerências da China nos assuntos internos. (Fontes: AP/AFP/Reuters).

Paquistão adverte que revidará qualquer agressão que a Índia venha a praticar em sua parte da Caxemira ISLAMABAD - O premiê do Paquistão, Imran Khan, advertiu nesta quarta-feira (14) que seu país responderá a qualquer agressão por parte da Índia em seu lado da Caxemira. Esse território montanhoso habitado principalmente por muçulmanos já foi a causa de duas das três guerras entre os dois países. “O exército paquistanês tem informações sólidas de que [a Índia] pretende fazer algo na parte paquistanesa da Caxemira”, afirmou Khan em um discurso em Muzaffa-

rabad, a capital desse território. “Decidimos que, se a Índia cometer uma violação, vamos lutar até o fim”, acrescentou. “Chegou a hora de lhes ensinar uma lição”, disse ainda. Trata-se de uma mudança de tom muito clara do lado paquistanês. Na semana passada, o ministro das Relações Exteriores, Shah Mehmood Qureshi, declarou que seu país não contemplava a opção militar e que examinava apenas as opções políticas, diplomáticas e legais. (Fontes: AP/AFP/EFE/Reuters).

AAMIR QURESHI/AFP

Premiê Imran Khan diz que revidará se Índia agredir a parte paquistanesa da Caxemira

O Al-Shabab, grupo autor do ataque e que é ligado à Al-Qaeda, afirmou que 50 pessoas morreram, além de dois de seus membros, mas o grupo terrorista

e o governo somali tendem a dar números de mortes diferentes para ataques. Ainda de acordo com o Al-Shabab, dois veículos militares foram queimados. O ataque ocorreu no meio da manhã (horário local) no estado de Lower Shabelle, em Awdhigle, distrito agrícola que fica a cerca de 70km a sudoeste da capital somali, Mogadíscio. “Ouvimos duas explosões e tiros [vindos] da direção da base militar somali. Vi vários soldados fugindo da base para escapar, mas não sabemos quantos foram mortos”, declarou o ancião Aden Abdullahi, de Awdhigle, à Reuters, logo após o atentado. O Al Shabab tenta impor uma interpretação estrita da lei islâmica enquanto luta com o fraco governo da Somália, que é apoiado pela ONU. (Fontes: AFP/Reuters).

Incêndio florestal atinge a reserva ecológica da ilha de Eubeia, na Grécia YOAN VALAT/AFP

Carros queimados durante incêndio perto da aldeia de Stavros, na Grécia

ATENAS - Quase 200 bombeiros bombeiros lutavam na ilha Eubeia, nesta quarta-feira (14), para tentar controlar um incêndio que atinge uma das reservas mais bem preservadas da flora e fauna selvagem da Grécia. Não foi registrada nenhuma morte, mas as chamas, que começaram há dois dias horas, avançaram por 12 km e obrigaram quatro municípios a ordenar a saída de moradores de Eubeia, que é a segunda maior ilha grega, ficando atrás apenas de Creta. A ilha está a pouco mais de 100 km de Atenas. “É uma enorme catástrofe ecológica em uma floresta de pinheiros única, que permanecia intacta até agora”, lamentou o presidente regional Costas Bakoyannis. O fogo começou à margem de uma estrada

na madrugada de terça-feira (13) e se propagou rapidamente com as fortes rajadas de vento e a vegetação muito densa e seca da ilha, um pinhal considerado patrimônio natural por sua fauna e flora selvagem. O incêndio obrigou a saída de moradores das localidades de Kontodespoti, Macrymalli, Stavros e Platana, no centro da ilha, e ameaçava atingir a cidade de Psachna durante a noite. “De Psachna até Kontodespoti e Makrymalli tudo queimou. Tivemos a sorte de que não registramos vítimas humanas”, declarou Thanassis Karakatzas, diretor da Defesa Civil, à agência grega ANA. Além dos quase 200 bombeiros, foram mobilizados 75 veículos, nove helicópteros e sete aviões para combater as chamas. (Fontes: AP/AFP/EFE/Reuters).


Variedades

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

A13

SAÚDE

Nutricionista orienta sobre alimentos que ajudam no combate a gripes e resfriados Alimentos podem ajudar a fortalecer o sistema imunológico e, consequentemente, evitar infecções recorrentes DIVULGAÇÃO

DA REDAÇÃO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A escolha dos alimentos corretos pode ajudar a melhorar a imunidade e, consequentemente, combater doenças como gripes e resfriados. O sistema imunológico fica fortalecido evitando infecções recorrentes.

BENEFÍCIOS ‘O alho também traz muitos benefícios à saúde. Além das propriedades, possui efeito antioxidante’ A nutricionista Flávia Terciano indicou algumas sugestões de alimentos que podem ajudar a melhorar o sistema imunológico. Segundo ela, o ideal é que se faça uma alimentação balanceada em carboidratos, lipídios, proteína e rica em vitaminas e minerais, já que alguns alimentos têm efeitos regulatórios diretos sobre o sistema imune. “Os nutrientes que devemos priorizar durante outono e inverno, época em que nossa imunidade pode ser atingida pelas mudanças bruscas de temperatura, são vitaminas A, E, C, ferro, zinco, selênio e ácidos graxos [ômega 3 e 6]”, detalhou. ALIMENTOS

Alguns alimentos que podem ajudar a melhorar o sistema imunológico

A especialista frisou que o gengibre é um grande aliado no combate a doenças. Ele pode ser utilizado em preparações de doces e salgados, sucos, saladas, sopas, bolos, tortas, além de outros pratos. Entre os vários benefícios, ele possui ação antimicrobiana, anti-inflamatória, antioxidante e hepatoprotetor. O alho, por sua vez, tam-

bém traz benefícios à saúde. Além das propriedades, possui efeito antioxidante, que pode auxiliar no combate aos radicais livres que geram estresse ao organismo e, consequentemente, redução do sistema imunológico. O ideal é que o consumo seja cru. Também citado pela nutricionista, o abacate é um

alimento rico em vitamina E, com potente ação antioxidante, que vai auxiliar no combate dos radicais livres. Outra propriedade importante é o efeito anti-inflamatório. Para quem procura alimentos ricos em vitamina C, a especialista destacou a laranja, limão, goiaba, kiwi e mexerica. Além de serem fáceis de en-

contrar, possuem ação antioxidante e também combatem os radicais livres, o que auxilia na manutenção da imunidade. A castanha do Brasil é outro alimento antioxidante potente, que auxilia no processo de manutenção da imunidade. Pode ser consumido em saladas, tortas e bolos, como lanches intermediários

para doces e salgados. Já o cravo e canela são excelentes antioxidantes e antimicrobianos e podem ser consumidos em chás, bolos, tortas e doces. Por fim, o abacaxi, quando triturado, geralmente para sucos, libera uma substância chamada saponinas. Ela auxilia na melhora de processos respiratórios. DIVULGAÇÃO

Laranja, limão, goiaba, kiwi e mexerica são ricos em vitamina C

Castanha do Brasil é potente e auxilia no processo de manutenção da imunidade


Social

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

BOA VISTA, QUINTAFEIRA, 15 DE AGOSTO DE 2019

Fotos: Reprodução/Instagram

Pra começar a quinta bem, compartilhamos os clicks do muso Fernando Said. Além de bonitão, o moço é alto astral e adora explorar as belezas naturais do nosso Estado. Ele disse que não sabe como conseguiu fazer essa pose mais elástica, e a gente aqui não sabe como para de olhar pra ele. Ganhou nosso like!

A linda Raquel Sairini bem que podia dar umas aulas pra ensinas a gente a ser plena e poderosa desse jeito. A moça arrasa na beleza e nos clickes e provando que é muito mais que um rotinho bonito ainda divide a rotina entre o Direito e o Design Gráfico. É muito poder!

Nem pedimos, mas já pegamos essa foto pra valorizar toda elegância da nossa querida dra. Bárbara Samantha. Se você tiver qualquer problema de ordem judicial, pode convocar essa mulher. Por enquanto, o único problema por aqui é que ela roubou nosso coração.

O Brasil tem feito um esforço maior para ampliar a participação feminina nos ambientes de decisão. Apesar de algumas pesquisas apontarem que gestões femininas têm melhores resultados sociais, na ocupação de cargos legislativo e executivo, elas ainda são minoria. Desde as últimas eleições, os partidos políticos são obrigados a destinar recursos específicos para financiar campanhas de mulheres. Esse é o tema que será tratado nesta quinta-feira (15), pela Escola Judiciária Eleitoral. O evento é aberto ao público e acontece a partir das 14h, na Sala de Sessões do TRE. Participe.

Aniversariante do Dia

Maurício Zouein

Ronaldo Miranda

Com nosso amigo Oscar Matteus nada é convencional. O moço que é ator e dramaturgo, transborda criatividade e nos brinda com imagens como essa. Somos fã dele e já estamos virando nossas fotinhas de cabeça pra baixo também.

Temos uma lista máster de aniversariantes e a eles desejamos muita saúde, alegria e sucesso.

Eulyna Vasconcelos

Carolina Albuquerque

Bruno Viana


Esporte Local A15

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

VAI QUE É TUA!

Fafá Pereira viaja para disputar duas competições de Jiu-Jítsu nos EUA Roraimense vai em busca de um feito histórico na carreira e retornar com a conquista do Grand Slam Arquivo Pessoal

NAILSON ALMEIDA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A lutadora roraimense Fabiana Pereira, a Fafá, viajou na manhã desta quinta-feira (15). O destino é a cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos. A atleta vai disputar competições na cidade americana: a North American Grappling Association (NAGA) e o World Master IBJJF Jiu-Jitsu Championship. Fafá vai em busca de um feito histórico para Roraima, que é conquistar o título

GRAN SLAM Roraimense vai tentar o bicampeonato da International Brazilian Jiu-Jitsu Federation (IBJJF). Se vencer essa competição ela fecha o Grand Slam

dos dois eventos e fechar com chave de ouro no Gram Islam. A NAGA é o maior circuito de torneios de grappling misto do mundo, com mais de 700 mil competidores. No sábado (17), o evento retorna a Las Vegas, Nevada. Crianças e adolescentes competirão primeiro e depois serão seguidas pelas divisões de adultos. Já na semana que vem, de 21 a 24 de agosto, vai lutar no World Master IBJJF Jiu-Jitsu Championship, o Campeonato Mundial. A roraimense vai tentar o bicampeonato da International Brazilian Jiu-Jitsu Federation (IBJJF). Se vencer essa competição ela fecha o Grand Slam (quando vencem as quatro principais competições do mundo) que será um feito histórico para

Fafá Pereira é a única mulher roraimense que irá disputar as competições em Las Vegas

Roraima e o Brasil como faixa preta feminina Master. Outro feito histórico, mas esse já conquistado por Fafá Pereira, é a cerimônia em que ela irá receber pela IBJJF no dia 24 de agosto pelo primeiro lugar no ranking mundial. Dois roraimenses já receberam essa mesma homenagem: Luca ‘Hulk’ Daniel e Herbert Santos, no masculino. Na categoria feminina, Fabiana será a primeira do Estado, como faixa preta Master 1. Fafá participou em 2018 da NAGA e ganhou o cinturão da competição na faixa preta feminino. Esse ano vai tentar ganhar novamente. Ela que está há dois anos sem perder uma luta em nenhuma competição e permanece invicta. A lutadora conversou com o Roraima em Tempo e falou da expectativa de mais uma vez representar o Estado em competições mundial. “Agradeço a todas as pessoas que me apoiam e me ajudam a participar das competições e que ajudam a estar sempre subindo nos pódios e no ranking mundial. Ganhei o Campeonato Europeu, o Panamericano e o Brasileiro e quero o Mundial. Então vou realizar vários sonhos nessa competição e alcançando vários objetivos”, disse. A black-belt também comentou a importância de receber essa grande homenagem de número um do mundo. “É um título importante e grandioso para o nosso estado e para o esporte e principalmente para as mulheres. Isso abre as portas para essa nova geração que pode estar conquistando e fazendo novos feitos. Espero que Deus me abençoe com mais essa conquista em minha carreira. Treinei e me preparei para essa competição, fiz minha parte e agora vamos vê no que vai dá”, finalizou.

Federação está com inscrições abertas para a Copa Boa Vista de Jiu-Jítsu Divulgação/FJJERR

NAILSON ALMEIDA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A Federação de Jiu-Jitsu do Estado de Roraima (FJJERR) com as inscrições abertas para a Copa Boa Vista. O evento será no dia 25 de agosto no Ginásio Hélio Campos. A organização do evento espera reunir mais 900 lutadores em todas as categorias. Na competição também irão participar atletas de cerca de 50 academias, sendo de Boa Vista e outro municípios de Roraima, além do Amazonas e Venezuela. As Inscrições estão sendo feitas na sede da FJJERR, localizada na Avenida Major Williams, 1899 - Centro, no horário das 14h às 22h. Para disputar o evento o atleta terá que estar filiado no ano de 2019 na FJJERR. Haverá premiação em dinheiro para as academias campeãs: 1° lugar por Academia Geral R$ 2 mil; 1° lugar Academia Adulto R$ 500; 1° Lugar Kids R$ 500; E para os campeões absolutos a premiação será uma passagem de ida e volta de ônibus para o atleta competir o Manaus Internacional Open (IBJJF), que será realizado nos dias 28 e 29 de setembro em Manaus-AM. Porém, para concorrer às passagens no absoluto terá que ter no mínimo seis atletas inscritos. Segundo o Diretor Técnico da FJJERR e organizador do evento, Daniel Trindade, a modalidades vem crescendo no estão e espera que este seja uma das maiores competições do ano. “Estamos profissionalizando o jiu-jitsu e estimulando as academias e atletas participarem dos eventos da federação, dando premiações em dinheiro para as academias melhores colocadas e passagens para os todos os atletas campeões absolutos lutarem fora do Estado”, destacou.

Competição irá reunir lutadores de todas as categorias de mais de 50 academias


A16

Esporte Nacional/Editais

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

NADA DEFINIDO

Flamengo se reúne com agente de Balotelli, continua sem acordo e ‘empurra’ novela Parte financeira não foi o único assunto à mesa e muitas coisas ficaram pendentes, o que adia um possível acordo Nicolas Tucat/AFP

Após muito tempo de namoro à distância, o Flamengo teve ontem (14) o primeiro encontro “olho no olho” com Mino Raiola, empresário do atacante italiano Mario Balotelli. Em Monte Carlo, no Principado de Monaco, Marcos Braz (vice de futebol), Bruno Spindel (diretor executivo) e Marcos Motta (advogado)

ALVO Neste cenário, o Brescia surge como principal interessado no futebol do centroavante

apresentaram as condições rubro-negras, mas a novela terá novo capítulo nesta quinta-feira (15). A parte financeira não foi o único assunto à mesa e muitas coisas ficaram pendentes, o que adia um possível acordo. Depois desse primeiro contato, nova conversa foi marcada para hoje. O valor das luvas oferecido na proposta não chegou ao patamar do dese-

Mario Balotelli está na mira do Flamengo

jado pelo astro, que ficou de analisar. Apesar de terem uma breve sinalização positiva do

atacante, que já demonstrou ter interesse em aprofundar as conversas com o Rubro-negro, a trinca agente do craque, que prefere negociar o atleta com algum clube do futebol italiano. Neste cenário, o Brescia surge como principal interessado no futebol do centroavante. Ante a informação de um jornal local, que cravou a

contratação, o clube desmentiu que já haja um acerto. O tom entre os rubro-negros é de extrema cautela, visto que a negociação é tratada como muito complicada desde o começo. O Flamengo aposta na melhor proposta financeira e no desafio esportivo para levar a melhor. Por: UOL/Esporte

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAROEBE RESULTADO DE HABILITAÇÃO. Pelo presente termo homologo o Resultado de Habilitação do presente PROCESSO Nº 050/2019 TOMADA DE PREÇO Nº 002/2019 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA IMPLANTAÇÃO DE ESTRADAS-VICINAIS 07 CAB-140, KM 20,10 ATÉ KM 28,30 NO MUNICÍPIO DE CAROEBE-RR, para atender a secretaria municipal de INFRAESTRUTURA E OBRAS do município de Caroebe -RR, conforme foi analisado a documentação de Habilitação, fica desabilitado a seguinte Empresa: JM CONSTRUTORA EIRELI CNPJ Nº 11.726.586/0001-92, ficando HABILITADO somente a Empresa: C B PEDRA SERVIÇOS E CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ Nº 14.446.264/1000-88. A data da abertura do envelope nº 02 (proposta de preço) fica designada para dia 23/08/2019 as 8:00 hr (horário local). Caroebe - RR, 14 de Agosto de 2019. ROSINÉIA DA SILVA OLIVEIRA PRESIDENTE DA CPL


Polícia A17

Boa Vista, quinta-feira, 15 de agosto de 2019

DE MADRUGADA

Jovem é preso após se passar por agente da Polícia Civil e ameaçar pessoas em bar Entre as vítimas estava um venezuelano de 24 anos, responsável pelo estabelecimento comercial Divulgação/PM

NONATO SOUSA

que estava andando armado. Contudo, a reportagem não teve acesso às respostas do suspeito. Ao final do procedimento, o delegado formalizou a prisão do operador por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, porém, como o revólver estava com a numeração raspada, o crime se torna inafiançável e Sousa passou o resto da noite na carceragem da PC. Pela manhã ele foi levado para audiência de custódio, mas o resultado não foi informado até a conclusão da matéria à tarde.

nonatosousa@roraimaemtempo.com.br

Marcos Antonio Santos de Sousa, 28 anos, foi preso em flagrante na madrugada dessa quarta-feira (14), em Boa Vista, depois de se passar por agente da Polícia Civil e ameaçar pessoas em um bar na zona Oeste da cidade. Entre as vítimas estava um venezuelano de 24 anos, responsável pelo estabelecimento comercial. Segundo relatou aos

FALSIDADE? Caso ocorreu num bar localizado na Avenida Nazaré Filgueira, no bairro Pintolândia. De acordo com o imigrante, Sousa chegou ao local embriagado dizendo que era policial civil

policiais militares que atenderam a ocorrência, ele teve a arma apontada para o rosto. O caso ocorreu num bar localizado na Avenida Nazaré Filgueira, no bairro Pintolândia. De acordo com o imigrante, Sousa chegou ao local embriagado dizendo que era policial civil. A princípio, ele ficou mos-

Sousa foi preso na madrugada dessa quarta-feira com um revólver calibre 38 municiado

trando a arma na cintura, porém depois sacou o revólver e apontou para os clientes e para o venezuelano, que disse ter ficado estático e com medo de morrer. “Ele dizia que ia matar todo mundo e não pagaria a

conta da bebida que tinha consumido”, destacou a vítima. DETENÇÃO A Polícia Militar foi informada do caso e enviou duas equipes ao local, que fizeram a detenção do suspeito. Durante

Após apreensão de cigarros de skunk, casal de venezuelanos é preso por tráfico de drogas Dois venezuelanos de 23 e 27 anos, e um jovem brasileiro de 22 anos, foram detidos com drogas na noite de terça-feira (13), no bairro Caimbé, zona Oeste de Boa Vista. No primeiro caso, policiais militares abordaram Josue Rafael Pinto Rivas e Yendis Anabel Ramos Olmos, por volta das 22h30, na esquina das ruas Ivone Pinheiro com Vovó Júlia. De acordo com o relatório dos policiais, a equipe fazia patrulhamento pelo local quando viu um dos imigrantes dispensar (jogar) algo na rua ao perceber a viatura, numa tentativa de evitar a abordagem e possível prisão, o que não deu certo. “Imediatamente fomos verificar o que ele tinha jogado e vimos algo parecido lixo num saco plástico. Recolhemos e ao abrir constatamos que eram cigarros de maconha (skunk) a supermaconha”, pontuou a equipe policial. Continuando os PMs informaram que partir para a abordagem ao suspeito e ainda presenciaram ele passar dinheiro para a mulher. Em seguida o casal foi detido. Rivas e Yendis Olmos não portavam documentos e alegaram que suas (cédulas de identidade) estavam em

casa, no mesmo bairro. A equipe policial foi ao endereço deles e revistaram o local, momento em que mais cigarros de maconha foram encontrados dentro da mala de Rivas. Também uma porção de maconha foi encontrada em outra parte da casa. Conforme a polícia o local onde o casal foi detido é bastante conhecido das equipes policiais pela intensa atuação de traficantes, usuários de drogas e garotas de programa que circulam por lá. Também era costumeiro o casal está no local. Após a localização da droga no apartamento dos suspeitos os PMs conduziram Rivas e Yendis Olmos ao Plantão da Polícia Civil, onde o delegado plantonista formalizou a prisão de ambos em flagrante por tráfico de drogas e associação para o mesmo crime. Ao final do procedimento policial na madrugada dessa quarta-feira (14), os imigrantes foram levados para a carceragem da PC onde passaram o resto da noite e pela manhã seguiram para audiência de custódia. TCO

Cerca de 40 minutos depois da prisão do casal de venezuelanos, outra

equipe policial também abordou no bairro Caimbé, desta vez na Avenida Princesa Isabel, o jovem brasileiro I.I.D.M., após denúncia de seu envolvimento com o tráfico de drogas nas proximidades de um bar. Segundo os policiais, um usuário de drogas que não teve o nome informado foi quem fez a denúncia. “Ele disse que o suspeito vendia droga no local junto com outro individuo. Inclusive mostrou foto dos dois no celular”, destacou a equipe policial, ao acrescentar que após a denúncia foram ao local indicado e encontraram a dupla. Os suspeitos foram revistados, mas apenas com I. foi encontrada uma porção de cocaína. Ele e o comparsa que não teve o nome informado foram conduzidos à delegacia para que fosse adotada a medida cabível ao caso. O delegado ouviu os PMs e os suspeitos e decidiu pela liberação imediata de um deles. Depois fez um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por posse de droga contra o jovem, que ao final do procedimento policial também foi liberado e deve comparecer ao Juizado Especial nos próximos dias para se explicar.

a ação, o operador de maquinas teria tentado reagir, mas logo foi contido e algemado. Com ele foi apreendido um revólver calibre 38 com seis munições intactas. A numeração da arma estava raspada, o que agravou a situação.

Os agentes conduziram o jovem à delegacia de Polícia Civil. O delegado Wulpslander Trajano ouviu a vítima e depois interrogou o suspeito sobre as acusações, sendo uma delas se passar por policial civil, bem como por-

FURTO Ainda na noite de terça-feira, duas venezuelanas foram presas por furtarem peças de roupas de uma loja no shopping da zona Oeste. Elizabeth Del Vale Gonzalez Jimenez, 31, e Eudelin Monasserio Corpo, 21, foram flagradas com as roupas dentro de uma caixa. Um fiscal da loja disse à polícia que através do circuito de câmeras foi possível constatar a atitude das suspeitas. Elas foram abordadas quando tentavam sair com as roupas sem pagar. Uma equipe de policiais militares fez a detenção das imigrantes. Elizabeth Jimenez e Eudelin Corpo foram conduzidas ao Plantão da PC, onde houve o desfecho do caso e as duas acabaram presas em flagrante. Elas passaram por audiência de custódia, mas o resultado não foi informado.

Quatro motocicletas foram roubadas em menos de 24 horas em Boa Vista O roubo de motocicletas continua ocorrendo em Boa Vista. Em menos de 24 horas, quatro veículos foram roubados. Três dos casos ocorreram na noite de terça-feira. O quarto assalto ocorreu na tarde de ontem (14). As ocorrências foram registradas na Polícia Civil e até o fim do dia nenhum dos veículos foi recuperado nem os ladrões foram presos ou identificados. A reportagem apurou que das quatro motos roubadas, três são do modelo Bros. A última é uma Titan Fan. De acordo com o relato da primeira vítima, um militar de 21 anos, dono de uma das Bros de cor preta, detalhe vermelho de placa NUI 3900, ele trafegava com o veículo pela Avenida S-24, no bairro senador Hélio Campos, quando dois indivíduos numa bicicleta, com armas de fogo, o obrigaram a parar e exigiram que descesse da Bros. Com medo ele disse que obedeceu. Os criminosos também exigiram o celular, iPhone 8 e depois fugiram com o veículo deixando a bicicleta no local. A bike provavelmente roubada foi recolhida pela polícia posteriormente. OUTRO CASO Cerca de 20 minutos depois, outra dupla de ladrões roubou outra Bros preta de placa NAQ 1623. O veículo de um autônomo de 53 anos foi roubado da frente da casa da vítima enquanto aguardava o portão eletrônico abrir.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado pelo autônomo, os ladrões chegaram andavam em outra motocicleta preta, modelo não informado. “O garupa desceu com uma pistola na mão, apontou para mim e mandou que eu descesse da moto. Também pediu o celular e assim que entreguei subiu na minha Bros e fugiu. O comparsa seguiu na outra moto”, contou. O autônomo frisou que a motocicleta possui sistema de alarme e o controle ficou com ele, mas o dispositivo não acionou com o distanciamento do controle remoto. A expectativa da vítima era de que o alarme acionasse e a Bros fosse abandonada pelo ladrão, mas até ontem o veículo continuava desaparecido. TITAN Também no bairro Senador Hélio Campos, ainda na noite de terça-feira, por volta das 23h, uma terceira dupla de ladrões atacou outro motociclista e roubou o veículo da vítima, uma auxiliar de cozinha de 29 anos. O assalto ocorreu também quando a vítima abria o portão de sua casa para entrar com o veículo. Segundo a auxiliar, os assaltantes andavam num Biz amarela e um deles com uma arma de fogo com uma arma de fogo disse: “não entra não, só queremos a moto”. Vítima disse que desceu do veículo imediatamente e ao mesmo tempo o ladrão subiu na moto

e fugiu. A motocicleta roubada é uma Titan Fan vermelha de placa NAR 8984. LUZ DO DIA Na tarde dessa quarta-feira mais uma dupla de ladrões de motos voltou a agir e roubou outra motocicleta Bros vermelha de placa PHE 3484. De acordo com as poucas informações que a reportagem teve do caso, através de um áudio enviado pelo WhatsApp, o roubo ocorreu nas proximidades da praça pública do Conjunto Cabos e Soldados, no bairro Caranã. De acordo com o áudio, enviado por um morador do conjunto, vizinho ao local do roubo, um dos ladrões ameaçou o casal com uma arma de fogo longa, possivelmente escopeta. “Ei pessoal, agorinha testemunhei um assalto aqui perto da Praça do Cabos e Soldados, dois caras estavam um casal e roubaram a motocicleta Bros das vítimas. Eles estão armados. Estão com uma escopeta eu ainda cheguei a ver a arma na mão deles quando passaram por mim na moto e um cara [vítima] gritando mais a mulher na rua”, contou a testemunha. INVESTIGAÇÃO Por se tratar de roubo de veículos automotor terrestre, todos os casos serão investigados pelos agentes da Delegacia de Repressão a Roubo e Furto de Veículo Automotor Terrestre da Polícia Civil.

Profile for RoraimaEmTempo

Jornal Roraima em tempo – edição 1300  

Jornal Roraima em tempo – edição 1300  

Advertisement