Page 1

roraimaemtempo.com.br ANO 5 • Nº 1299

PARA ANALISTAS, MESMO COM A ECONOMIA FRACA RECESSÃO É INVIÁVEL

NÚMERO DE MORTOS EM TUFÃO NA CHINA SOBE PARA 49. XANGAI EM ALERTA

Economia A9

Mundo A12

A NOTÍCIA QUE INTERESSA

BOA VISTA, QUARTAFEIRA, 14 DE AGOSTO DE 2019

Ossada humana é encontrada em buritizal no Cidade Satélite FOTOS DIVULGAÇÃO

FAMILIARES DE DANIEL DA SILVA DOS SANTOS, QUE ESTÁ DESAPARECIDO DESDE O DIA 4, RECONHECERAM AS ROUPAS ENCONTRADAS Um cadáver masculino em estado avançado de decomposição, praticamente só o esqueleto, foi encontrado no fim da manhã dessa terça-feira (12), em meio a um buritizal no bairro Cidade Satélite, zona Oeste de Boa Vista. Familiares do mototaxista Daniel da Silva dos Santos, 28, que está desaparecido desde o dia 4 deste mês, reconheceram as roupas encontradas no local e afirmaram ser ele. Junto à roupa, os policiais encontraram o documento de identidade do mototaxista, o que corrobora com a afirmação da família. Embora as informações indiquem que o esqueleto seja mesmo de Daniel Santos, a confirmação oficial deve sair hoje. POLÍCIA A17

ESQUELETO HUMANO FOI ENCONTRADO POR ALGUNS JOVENS QUE ANDAVAM PELO LOCAL; POLÍCIA ACREDITA QUE HOUVE DECAPITAÇÃO

BRIGA DE GALO

Telmário Mota pede união para legalizar rinha O senador Telmário Mota divulgou vídeo nas redes sociais, ontem (13), em que defende que é ‘hora de avançar’ na legalização da rinha de galo no território brasileiro. O político já foi flagrado frequentando esse tipo de evento e se tornou notícia na imprensa nacional. ÚLTIMAS NOTÍCIAS A2

PREÇO DA EDUCAÇÃO

Roraimenses devem quase R$ 30 milhões ao Fies, aponta Cosif LOCAIS A5

roraimaemtempo.com

DENÚNCIAS 99144 8656

Manifestantes protestam contra medidas de Bolsonaro LOCAIS A4

CRISE NA POLÍCIA

Civil tem dívidas de diversos serviços e rompe contrato de aluguel de carros A Polícia Civil acumula dívidas de diversos serviços prestados à instituição. Num rápido levantamento feito pela reportagem no Diário Oficial do Estado (DOE) foi

ACESSE NOSSO PORTAL

MOBILIZAÇÃO

possível constatar débitos de aluguel de prédio, combustível, serviço técnico e telefonia. O governo disse que trabalha para resolver os problemas. Além disso, a um

Anúncios, Assinaturas e Assinantes, Atendimento ao leitor.

FALE COM A GENTE: 95 99144-8656

contrato de aluguel de veículos com a empresa Merronit Comercial LTDA foi suspenso pelo Executivo. A decisão foi publicada no DOE no dia 8 de agosto. LOCAIS A6

TEMPO EM RORAIMA

32º 24º

Chuva: 60% Umidade: 81% a 51% Vento: 5km/h Sol: 05:46h / 17:47h

FONTE: CLIMATEMPO


A2

Últimas Notícias

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

REDES SOCIAIS

Telmário Mota fala que é ‘hora de avançar’ sobre legalização de rinha de galo no Brasil Político já foi flagrado frequentando esse tipo de evento e se tornou notícia em meios de comunicação DIVULGAÇÃO

JOSUÉ FERREIRA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O senador Telmário Mota (Pros) divulgou vídeo nas redes sociais, nesta terça-feira (13), em que defende que é ‘hora de avançar’ na legalização da rinha de galo no território brasileiro. O político já foi flagrado frequentando esse tipo de evento e se tornou notícia em meios de

FLAGRADO Político já foi flagrado frequentando esse tipo de evento e se tornou notícia em meios de comunicação nacionais. À época, disse que as imagens foram feitas na Venezuela

comunicação nacional. À época, disse que as imagens foram feitas na Venezuela, onde a briga entre os animais é permitida. “Quero conversar com todos os galistas do Brasil. Tenho visto nos diversos grupos a grande aflição. Hoje, na verdade, o galismo tem que avançar ou recuar de uma vez. Eu acho que é hora de avançar. Sentei com minha assessoria e estamos buscando alguns meca-

Político já foi flagrado frequentando esse tipo de evento

nismos para a gente sair dessa situação”, iniciou Telmário. Em março deste ano, o parlamentar usou a tribuna do Senado para criticar a apreensão de 22 galos usados, supostamente, para rinha de galo em Ibirama, no Vale do Itajaí, estado de Santa Catarina.

Os animais, de espécie que segundo o senador está em extinção, passaram por avaliação veterinária e acabaram sacrificados pela Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc). “Na verdade, não havia maus-tratos e muito menos rinha

PM deflagra Operação Responsum para combater crimes ambientais em Boa Vista JOSUÉ FERREIRA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A Polícia Militar, através da Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa), deflagrou nessa segunda-feira (12) a ‘Operação Responsum’. O objetivo é apurar supostos crimes ambientais em Boa Vista. Até o momento, segundo o comandante da Cipa, Capitão Paulo Anderson, a operação tem sido tranquila. “Das denúncias apuradas não ficou caracterizado como maus-tratos. A guarnição foi a vários pontos e não constatou os crimes. Depois, as equipes atenderam ocorrências, montando

pontos de bloqueios nas saídas da cidade, para coibir crimes contra o meio ambiente. Hoje está tendo continuidade na fiscalização, mas, até o momento, tudo tranquilo”, avaliou o comandante. Segundo a PM, a iniciativa se deu após moradores denunciarem possíveis crimes ambientais em diversos pontos da capital. O Capitão Paulo Anderson disse que em 90% não são constatados maus-tratos e, após a fiscalização terminar, as guarnições seguem para pontos estratégicos, onde pode haver caminhões transportando combustível irregular ou mesmo impedir a comercialização

de animais exóticos. “Geralmente, as pessoas não podem ouvir um gato miando ou um cachorro latindo que acham que estão sendo maltratados. Como somos responsáveis, nos deslocamos até o local para averiguar a situação e constatar se realmente há crime. Mas em 90% dos casos não há constatação”, reforçou. A população pode denunciar crimes ambientais através do contato (95) 98407-3538 ou se dirigir à sede da Cipa, localizado no Parque Anauá. O cidadão pode ainda formalizar a queixa na Secretaria Municipal do Meio Ambiente ou na Delegacia de Proteção do Meio Ambiente.

Organizações ofertam curso gratuito de empreendedorismo em Roraima O Projeto Redes de Integração Socioeconômica, em parceria com o Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável (CIEDS) e Fundação Iochpe, abriu inscrições para o curso de formação em Direitos, Cultura e Habilidades para a Vida em Boa Vista. As inscrições são gratuitas e seguem até domingo (18). A primeira etapa será voltada à formação em empreendedorismo para gerar renda e negócios na capi-

tal. A segunda está prevista para ocorrer no fim do segundo semestre e terá processo seletivo com os dez melhores negócios, que irão ganhar investimento e acompanhamento por meio de uma incubadora. O curso será disponível para pessoas acima de 18 anos de qualquer nacionalidade e terá início dia 23 de agosto com término em 8 de setembro. A carga horária é de 60 horas. A formação vai ocorrer em diferentes pontos de Boa Vista e os

inscritos poderão escolher em qual horário desejam desenvolver as atividades. As aulas aos sábados serão para todos os participantes. Para se inscrever, basta acessar o edital em: docs. google.com/forms/d/e/ 1 FA I p Q L S d q A AX l x E PY I M 1JN57FHV7Dl33dpgDibYIE9Vk7jjgWg1TT_g/viewform   Mais informações pelos números (11) 979549970 (WhatsApp) e (95) 98129-3029 (ligações) ou no e-mail  rmoralez.rr@ cieds.org.br.

de galo naquela localidade. Os animais eram da espécie de animais combatentes e, por isso, brigaram. Como pode fazer sentido livrar um ser vivo dos maus-tratos sacrificando-o? Em nome de quem você pode dizer que está livrando dos maus-tratos praticando a eutanásia, matando, sacrificando,

exterminando? Lamentavelmente o espírito do Hitler está nesse policial maligno. Essa laranja podre tem que ser retirada, para não estragar um quadro tão bom, que são os policiais de Santa Catarina”, criticou à época. LEI

Para justificar a permissão da rinha de galo, Mota cita que não existe no país uma lei que proíba a prática. Contudo, a Lei 9.605/98, a chamada Lei de Crimes Ambientais, a rigor do seu artigo 32, define como crime ato de abuso, maus tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A pena é de detenção de três meses a um ano, mais multa. Mota pondera que há um entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) que permite sacrificar animais em rituais religiosos e, por conta disso, caberia legalizar a prática de briga de galos como cultural. “Recentemente, o Supremo Tribunal decidiu que é constitucional sacrificar animais em rituais religiosos, porque é cultura. Ora, se matar em rituais religiosos pode e é cultura, por que disputar não é cultura? Então, cabe aí uma provocação. Mais do que isso, estamos buscando outro caminho: que a decisão da cultura dos galos combatentes seja estadual, que cada estado defina essa situação”, defendeu. Por fim, ele avalia que o momento é propício para que as organizações de galistas do Brasil se unam e marquem uma data par ir a Brasília. Segundo ele, a partir desse movimento, as documentações no que tange às propostas serão entregue ao STF e ao presidente da República, Jair Bolsonaro. “Estou pronto para ajudar, dentro da legalidade”, disse.

Abertas as inscrições para o Programa Diplomacia Civil O programa Diplomacia Civil, iniciativa do Instituto Global Attitude, está com inscrições abertas até o dia 25 de agosto. Podem participar jovens de 18 a 35 anos, de qualquer formação acadêmica, que queiram se tornar futuros líderes em discussões no cenário internacional. Desde 2011, o Instituto Global já coordenou a participação de mais de 350 jovens em programas internacionais. A atual inscrição levará duas delegações: a primeira desembarca, em 18 de outubro, no World Green Economy Summit 2019, em Dubai, Emirados Árabes Unidos. O WGES é um dos principais fóruns globais sobre economia verde. Já a segunda delegação irá ao Nairobi para participar do The Nairobi Summit 2019, dia 10 de novembro, promovido pelo Fundo de População da Organização das Nações Unidas (ONU), juntamente com os governos do Quênia e da Dinamarca O Programa Diplomacia Civil nasceu da inquietação do Rodrigo Reis, Diretor Executivo e Fundador do Instituto Attitude. Quando mora-

va em Londres, Rodrigo percebeu que o Brasil estava muito atrás de outros países quando se tratava da presença ativa dos jovens debatendo temas importantes. “Eles vivenciam essa experiência internacional, na qual têm a chance de estar em locais com tomadores de decisões, com chefes de estados, ministros, diplomatas... Vivenciam tudo isso, não só de um ponto de vista acadêmico, mas também de um ponto de vista profissional”, destaca Rodrigo. Tatiana Ramalho, coordenadora de programa do Global Attitude, enxerga o Diplomacia Civil como uma forma de inspirar os jovens a serem agentes de mudança. “Os conectamos a pessoas chave no cenário internacional que podem os ajudar nas suas missões.  Contribuímos com a formação de líderes que podem, desde já, fazer a diferença pelo nosso país e pelo nosso planeta”. Fóruns Internacionais: como participar Ao acessar o link de inscrição de cada delegação aberta, será necessá-

rio preencher um formulário eletrônico e anexar currículo. O critério de seleção dos interessados leva em conta tanto a trajetória acadêmica e profissional; motivação pessoal para participar; nível de inglês e engajamento com temáticas relacionadas ao fórum. O programa é pago e, para participar, é necessário investimento de, em média, R$10 mil. Mediante a realização do pagamento, o participante terá acesso ao credenciamento no evento, passagens aéreas de ida e volta, acomodação em hotel, seguro saúde, workshops de capacitação, supervisão e orientação para redação do artigo de pesquisa, e certificado de participação. Através dos editais, é possível conferir quais são os outros benefícios concedidos, saber mais informações sobre os fóruns, conhecer as etapas de seleção e esclarecer outras dúvidas sobre as delegações. Também é possível entrar em contato com o Diplomacia Civil através do e-mail: contato@diplomaciacivil.org. br ou do telefone (11) 3957-0488.


Opinião A3

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Roraima Alerta ONDE HÁ FUMAÇA A Coluna repercutiu denúncias sobre os contratos emergenciais feitos pela Secretaria Estadual de Saúde que teriam sido formalizados com empresas que não possuem registro junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). As notas fiscais chegaram a ser publicadas em grupos de notícias, dando conta do volume de recursos aplicados em operações que levantaram suspeitas e que precisam ser acompanhadas de perto pelos órgãos de controle e fiscalização. HÁ FOGO Para esclarecer fatos como esse, a secretária Cecília Lorenzom convocou coletiva de imprensa ontem à tarde, para dar transparência a processos de compras emergenciais que atendem às demandas da Pasta. O objetivo maior, segundo ela, foi de esclarecer o mandado de segurança impetrado pela empresa Síntese Comercial Hospitalar. Na ocasião, a Justiça decidiu pela concessão da liminar e suspendeu o processo de dispensa de licitação do Sesau até o julgamento. O desembargador, responsável pelo caso, teria informado nos autos que há um procedimento de dispensa de licitação em vigor que também abrangeria aquisição de materiais. No entendimento do judiciário, a determinação da suspensão do procedimento não acarretaria prejuízos à população. PODE As compras emergenciais estão permitidas devido ao decreto de calamidade instituído pelo governador Antonio Denarium (PSL) na saúde pública estadual. O primeiro ato foi assinado ainda em fevereiro, quando conflitos foram registrados na fronteira do Brasil com a Venezuela. Na época, o Hospital Geral de Roraima chegou a receber pacientes feridos nesses confrontos, o que causou receio de que os leitos da unidade fossem ocupados exclusivamente pelos pacientes venezuelanos. O que não chegou a acontecer, mas como a saúde já estava um caos, o decreto veio para tentar dar condições de o governo agir de maneira rápida para melhorar a situação.

próprio chefe do Executivo a conduzir encontros e reuniões com muitos puxões de orelha distribuídos entre toda a equipe da Sesau. Além disso, Denarium aproveitou o mote para prorrogar o decreto e só no mês passado conseguiu efetivamente fazer com que alguns materiais e medicamentos chegassem até as unidades hospitalares. Enquanto isso, muita gente infelizmente, morreu aguardando pelo atendimento de qualidade que deveria ser custeado com os impostos pagos pelo cidadão brasileiro. CPI

A Assembleia Legislativa de Roraima retomou nesta terça-feira (13), os trabalhos da Casa. Numa sessão com a presença maciça dos deputados, o presidente Jalser Renier (SD) fez questão de apresentar um balanço do trabalho realizado no primeiro semestre, destacando especialmente, as ações de cunho social que transformaram a ALE de Roraima em uma referencia para o restante do país. Mas, a população ainda sentiu falta de uma fala sobre a CPI da Saúde. É nitído que a área enfrenta problemas, seja de gestão ou de desvio público, e neste momento é dever dos deputados se colocarem ao lado da população e como seus legítimos representantes, acompanharem com atenção especial como a saúde pública está sendo gerida. A expectativa pela implantação da CPI da Saúde continua.

NÃO FUNCIONOU Mas, o decreto não funcionou. Mesmo com a permissão para a realização de compras prioritárias em caráter emergencial, Denarium se viu atolado em inúmeras denúncias evidenciando o total descontrole sobre a situação da saúde pública. Até um paciente vivo foi dado como morto nesse período e isso obrigou o

MÉRITO Independente da opinião que o cidadão tenha em relação ao trabalho dos deputados estaduais é inegável o mérito pelo trabalho social que a ALE está desenvolvimento. No conjunto dessas ações sociais entram o trabalho da Escola do Legislativo, com a oferta de cursos gratuitos; do Chame, com atendimento e apoio psicossocial e jurídico às mulheres vítimas de violência; o Procon que desenvolve ações educativas de orientação a empresários e consumidores; além do Abrindo Caminhos que leva atividades culturais e esportivas para crianças em vários municípios. Considerando que o Governo do Estado deixou de oferecer qualquer tipo de atendimento neste sentido, é a ALE que tem cumprido

esse papel e contribuído para que muitos jovens se afastem da criminalidade e das drogas, especialmente, no interior do Estado. UNIDO PELOS GALOS Roraima tem enfrentado graves problemas seja na área da saúde, da educação e da segurança. Conforme as denúncias que chegam à Coluna, o governo continua empregado o racionamento de gasolina nas viaturas da Polícia Militar e sem o devido patrulhamento, o caos é eminente. É por esse motivo que se faz tanta questão da permanência da Força Nacional em Roraima, ainda que o contingente seja pequeno, é o que tem salvado o cidadão com viaturas fazendo o patrulhamento de ruas e avenidas. Apesar de todas as necessidades de Roraima, tem senador que anda com a cabeça em Nibiru como Temário Mota (PROS), que teve o disparate de elencar como uma das prioridades do seu mandato a defesa incondicional dos galos de briga. PROJETO Nesta terça-feira (13), enquanto a população de Roraima recebia com tristeza a notícia de mais um cruel assassinato, Telmário usava as redes sociais para divulgar sua posição em relação ao projeto de lei que tramita no Congresso Federal. Em vídeo que o próprio senador fez questão de divulgar nos grupos de whats, ele afirma que está na hora de tomar uma decisão sobre as rinhas de galo: ou proíbe ou libera de vez. É lamentável que enquanto servidores que atuaram no ex-território aguardam apoio para o enquadramento e que pessoas estejam morrendo pela falta de segurança em Roraima, o senador que é muito bem pago para representar o povo, esteja tão preocupado com as rinhas de galo. INTERESSE Mas o que motiva o interesse tão forte de Telmário neste tema? Fontes da Coluna afirmam que o senador tem um dos maiores planteis de galos combatentes do Brasil, de dar inveja a muitos criadores profissionais. No seu sítio, Telmário cuidaria de animais que chegam a custar no mercado negro do esporte, mais de R$ 20 mil. Se a rinha de galo for liberada, Roraima não vai ganhar absolutamente nada com isso, bem diferente do senador que poderá transitar livremente pelo território nacional com os seus invejados animais, fazendo dinheiro nas apostas que são comuns nessa prática. Só isso justifica tanto interesse mesmo.

Questão de Opinião

A Charge

Posse Caboca: Legislação Colonial GURSEN DE MIRANDA*

ACERTOU

ERROU DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

A Polícia Militar, que deflagrou operação para combater os crimes ambientais em Boa Vista. Até o momento, segundo o comandante da Cipa, Capitão Paulo Anderson, a operação tem sido tranquila. Segundo a PM, a iniciativa se deu após moradores denunciarem possíveis crimes ambientais em diversos pontos da capital. As guarnições continuarão atuando para impedir essas práticas criminosas, como transporte ilegal de combustível e madeira, bem como venda de animais exóticos.

O senador Telmário Mota, que busca legalizar a prática de rinha de galo, do qual é adepto. Até vídeo dele junto com o deputado Jefferson Alves circulou uns meses atrás falando de quais animais eram bons para isso. Ao invés de estar preocupado em trazer recursos para Roraima, Mota se mostra alheio à situação e sabendo do péssimo mandato, já tenta garantir apoio para o ano de 2022. Não dá! Os votos que vossa excelência teve em 2014 jamais voltará a ter. A eleição para o governo foi prova disso.

O índio, no Brasil, desde o início do período colonial, com a Carta Régia, do dia 10 de setembro de 1611, é contemplado com ampla legislação garantindo seus direitos às áreas que tradicionalmente ocupam. O negro, com a Constituição Federal, do dia 5 de outubro de 1988, conquistou o direito à propriedade das áreas quilombolas, nos termos do artigo 68, dos Atos das Disposições Constitucionais Transitórias. E sobre o caboco, o típico trabalhador rural ribeirinho da Amazônia? A organização territorial da região amazônica em Capitanias (11 em sua totalidade) possibilitava aos donatários a concessão de áreas em sesmarias durante o período colonial; seria a forma para consolidar a conquista das terras aos portugueses, inicialmente com a exploração da atividade agrária extrativa (vegetal e animal), as chamadas “drogas do sertão”, bem como suprir as necessidades alimentares dos colonos com a atividade agrária (agricultura). Marques de Pombal implementou sua política agrária, para produção de cultivares visando exportação à Metrópole. Nessa época ocorreu o reconhecimento formal do caboco, como pessoa humana imprescindível à produção de alimento de primeira necessidade (agricultura de subsistência e escambo do excedente), com atividade agrária de

A organização territorial da região amazônica em Capitanias (11 em sua totalidade) seria a forma de os donatários consolidarem a conquista das terras aos portugueses, inicialmente com a exploração da atividade agrária extrativa (vegetal e animal), as chamadas “drogas do sertão”, e suprir as necessidades alimentares dos colonos com a atividade agrária (agricultura)

agricultura, hortaliças, frutíferas, granjearia e extrativismo. O período colonial foi objetivo em face do caboco, conforme determinação real, nos termos expressos no Alvará de Lei do dia 4 de abril de 1755, o caboco seria o português casado com a índia, ou a portuguesa com o índio, bem como seus descendentes. El Rei concedeu certos privilégios a esses portugueses, por compreender que tornaria mais facilitada a comunicação com os indígenas, dentre outros, teriam preferência para ocupar cargos públicos: “… preferidos para aquelles lugares e occupações, que couberem na graduação das suas pessoas, ...”. Os filhos e descendentes desses casamentos foram reconhecidos como hábeis e capazes de qualquer emprego,

honra ou dignidade, sem que necessitassem de dispensa alguma, além de reconhecer os casamentos celebrados em data anterior ao Alvará. Outra forma de incentivo seria em material de trabalho: “um machado; uma foice; uma enxada; uma peça de bretanha; um ferro de cova e sete varas de linhagem ou estôpa”. El Rei decidiu proibir o tratamento pela locução “caboucolos” de forma pejorativa, ou outra designação semelhante que pudesse ser injuriosa; aos que transgredissem a norma Real seria aplicada, por meio de sentença, sem apelação ou agravo, sanção de expulsão da Comarca no prazo de um mês. Certamente, em decorrência do incentivo de Dom José I (17141777), rei de Portugal, o caboco tornou-se o elemento humano mais expressivo e característico da população amazônica, desde o período colonial. *O autor é professor de Direito (UFRR), presidente da Academia Brasileira de Letras Agrárias e desembargador aposentado (TJE/RR).


A4

Local

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

NOVO ATO

Manifestantes voltam às ruas em favor da Educação e contra reforma da Previdência Ato foi marcado com cartazes, cantos contra Jair Bolsonaro (PSL) e participação de movimentos sindicalistas ANA PAULA LIMA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Professores, estudantes, sindicalistas e ativistas se reuniram na Praça do Centro Cívico na tarde dessa terça-feira (13) para manifestar contra as medidas e projetos do governo de Jair Bolsonaro (PSL). A concentração teve início por volta das 16h50 com a chegada de

EM PAUTA Ato reivindicou melhorias na Educação, a derrubada da reforma da Previdência e do contingenciamento de verbas das instituições públicas federais, anunciado em maio pelo Ministério da Educação (MEC)

dezenas de pessoas após uma passeata saindo da Universidade Federal de Roraima (UFRR). Essa é a terceira manifestação no Estado contra o governo federal. O ato reivindicou melho-

Ana Paula Lima/Roraima em Tempo

rias na Educação, a derrubada da reforma da Previdência e do contingenciamento de verbas das instituições públicas federais, anunciado em maio pelo Ministério da Educação (MEC). Dezenas de manifestantes gritavam palavras de ordem e seguravam cartazes contra o governo. Nas primeiras horas de ontem houve café da manhã entre os participantes e pela tarde confecção de cartazes no Inskirian. “Esse dia de manifestação foi convocado pela UNE [União Nacional dos Estudantes] e pelos sindicatos. Resolvemos unificar a luta para chamar atenção. O Bolsonaro vem atacando a Educação e o trabalhador desde o início do governo. O contingenciamento não só vai afetar como já está afetando universidades que estão sem o básico para pagar energia e água”, disse o representante do Movimento para Universidade Popular (MUP), Raphael Barros. De acordo com o estudante, os impactos orçamentários nas instituições também foram causados pela aprovação da PEC 95 com o congelamento nos orçamentos da Saúde e Educação. Atualmente, o governo pesselista quer aprovar o Projeto Future-se para aumentar a autonomia administrativa das universidades federais, estimulando captação de recursos de empresas

privadas. “Quando o Estado não tem condição de gerar a funcionalidade de dar Educação e Saúde, recorre às organizações sociais sem fins lucrativos para administrar por meio da iniciativa privada. Isso é o desmonte da educação pública. Na prática, é a entrega da função do Estado para a iniciativa privada para geração de lucro sem pudor com a necessidade do povo”, completou o representante. REFORMA A aprovação da reforma da Previdência no Senado significaria perda de direitos trabalhistas conquistados há muitos anos, conforme defendeu o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Roraima (Sinter), Flávio Bezerra. Segundo ele, ao contrário do que é informado, não haveria geração de novos postos de trabalhos e, sim, a retirada. “Prorrogando o prazo de aposentadoria dos servidores, esses postos não podem ser renovados, o que faz com que muitos jovens não possam adentrar no mercado de trabalho. Por outro lado, os servidores que terão de esperar até os 60 anos para ter a aposentadoria. [Irão] acumular doenças, prestando serviço de má qualidade às pessoas”, afirmou. O sindicalista entende que

Estudantes se reuniram com os sindicatos no fim da tarde

o crescimento do desemprego pode levar os jovens recém-formados a entrar no mundo crime para suprir necessidades. “Vão ser uma presa fácil para facções criminosas”, avaliou. Bezerra destacou ainda que a precariedade em diversos setores da educação pode se agravar com a retirada de recursos da área para pagamento de emendas parlamentares

como meio de garantir a aprovação da reforma da Previdência, conforme ocorreu na votação na Câmara dos Deputados e deve se repetir no Senado. “A única coisa que está em dia, hoje, na educação é o salário dos professores. Temos transporte escolar que recebe e outra hora não. O pessoal de limpeza, merenda escolar, falta de livros... ou seja, a precariza-

ção da educação que se acentua pelo governo Bolsonaro. Educação não se faz somente com salários em dia”, justificou. FUTURO Não há previsão para futuras manifestações, contudo, a UFRR está promovendo uma série de debates sobre o Future-se e o andamento das atividades da instituição.

Após período de recesso, deputados retomam sessões na Assembleia de RR BRYAN ARAÚJO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A Assembleia Legislativa de Roraima (Ale-RR) retornou às atividades legislativas nessa terça-feira (13) em Boa Vista após duas semanas de recesso parlamentar. A previsão inicial era que os deputados voltassem a se reunir no dia 1º de agosto, mas no dia 30 de julho, a Casa informou que o retorno seria adiado. A sessão contou com 17 dos 24 parlamentares presentes e iniciou após discurso de boas vindas do presidente da Casa, Jalser Renier (Solidariedade). Durante a sessão, os deputados apresentaram a ordem do dia com 12 projetos de lei para apreciação e deliberação das comissões. O recesso parlamentar iniciou no dia 27 de junho após

Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) que foi aprovada por 14 votos a 3. Os deputados Nilton do Sindpol (Patriotas), Lenir Rodrigues (PPS) e Evangelista Siqueira (PT) votaram contra a proposta do Executivo. Ao todo, foram apresentadas 15 emendas à LDO, sendo a maior parte relacionada à alteração textual para manter o ‘congelamento’ dos orçamentos do Legislativo e do Judiciário. Os Poderes previam um reajuste de 7,5% em relação aos repasses com base no PIB e do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). Ao valor ‘congelado’, foram adicionados 3% correspondentes ao chamado crescimento vegetativo da folha, decorrente dos avanços e promoções nas carreiras, previstos no Plano de Cargos, Carreiras e Remunera-

ção (PCCR) de cada categoria de servidor público contemplada com o planejamento, previsto em lei. PRIORIDADES Com o retorno dos trabalhos, um dos assuntos a ser apreciado pelos deputados deve ser a Reforma Administrativa, proposta pelo governo de Roraima, que deve reduzir o número de secretárias e, consequentemente, os gastos do Executivo. SEM DEFINIÇÕES O requerimento para criação da CPI da Saúde entra no quarto mês sem qualquer definição. Protocolado em abril deste ano, 18 deputados assinaram o pedido de investigação dos indícios de irregularidades divulgados pelo então secretário de Saúde

Ailton Wanderley, nas redes sociais. Ao deixar o cargo, o ex-gestor afirmou que a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) estava num “pântano de corrupção” e terceirizadas ligadas a políticos detinham contratos com a pasta. As denúncias geraram uma onda de críticas por parte dos deputados, que pediram a instauração da CPI. O documento foi protocolado no início do mês de abril, mas ainda não teve resposta. Fontes do jornal garantem que a CPI deve ser instaurada após o recesso parlamentar. O documento está em análise e ainda não foi avaliado pelo presidente da Casa, Jalser Renier (SD). Após ser analisado, ele deve passar pela Procuradoria Geral da Casa, para avaliação jurídica.

12 projetos estavam na ordem do dia para apreciação e deliberação das comissões


Local

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

A5

EDUCAÇÃO

Mais de 1,5 mil profissionais em Roraima devem o Fies; dívida soma R$ 29 milhões Maior parte das dívidas no Estado se concentra nos cursos de Serviço Social, Direito, Ciências Contábeis e Pedagogia WINICYUS GONÇALVES

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O sonho de conquistar um diploma de ensino superior virou uma dor de cabeça para pelo menos 1,6 mil roraimenses que contraíram R$ 29 milhões em dívidas com a Caixa Econômica Federal (CEF) ao usarem o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) no Estado.

DÉFICIT No curso de Direito, foram 243 mil contratos que somam R$ 5,05 milhões em atraso

Dados da Coordenação de Concessão e Controle do Financiamento Estudantil (Cosif ), obtidos pelo projeto Fiquem Sabendo, revelaram que apesar do valor considerado alto, o Estado tem a menor dívida com o Fies do Brasil: 2,5% do valor total de R$ 11,4 bilhões de contratos com pa-

Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

gamento em atraso pelo país. O número se refere a contratos firmados entre 1999 e 2009. A maior gama de inadimplentes está em São Paulo, com 145 mil contratos e pagamento em atraso acumulado que soma R$ 3,36 bilhões.  CURSOS As maiores dívidas com o Fies em Roraima estão matriculadas nos cursos de Serviço Social e Direito. Para o curso voltado ao acompanhamento social, o Fies celebrou 206 contratos de alunos que atualmente estão inadimplentes e têm, juntos, uma dívida de R$ 5,09 milhões com o governo federal.  No curso de Direito, foram 243 mil contratos que somam R$ 5,05 milhões em atraso. Os cursos de Ciências Contábeis (202 contratos) e Pedagogia (180 contratos) fecham a lista dos quatro maiores saldos devedores do Estado com o Fies: R$ 4 milhões e R$ 3,4 milhões, respectivamente.  MEDICINA No Fies, o estudante pode escolher pagar boa parte do empréstimo após 18 me-

ses do término da graduação. Ser contratado após o curso superior se torna elemento recomendado para quem quer fugir da inadimplência. Entre 1999 e 2009, foram registrados, no Brasil, 522.417 contratos inadimplentes, que são aqueles com saldos devedores e prestações não pagas a partir do nonagésimo dia após o vencimento. O Fies financia a graduação na educação superior de estudantes matriculados em instituições particulares e não gratuitas.  RENEGOCIAÇÃO Quem aderiu ao Fies e está em débito tem até 10 de outubro para renegociar a dívida. A vantagem da renegociação é que os valores podem ser parcelados por, pelo menos, 48 meses. Antes de abril, quando foi aberto o período para quitar os débitos, só era possível o pagamento à vista. Para pedir a renegociação, os estudantes precisam: ter firmado o contrato com o Fies até o segundo semestre de 2017; estar com as parcelas atrasadas em, no mínimo, 90 dias; e ter contratos em fase de amortização. Os contratos não podem ser

objeto de ação judicial. Os interessados devem procurar a instituição bancária onde o contrato foi assinado. O valor da parcela resultante da renegociação não poderá ser inferior a R$ 200. Há ainda a parcela de entrada. O estudante deverá pagar ou 10% da dívida consolidada vencida, ou R$ 1 mil, o que tiver o maior valor. PROGRAMA O Fies é um sistema de financiamento a taxas baixas para o pagamento de cursos de graduação. Estudantes com dificuldades financeiras podem recorrer a um empréstimo, subsidiado pelo governo. Ao longo do curso, os alunos pagam uma pequena parte, referente aos juros. Depois da formatura, pagam as parcelas correspondentes às mensalidades. O programa completou 20 anos no dia 28 de maio e foi instituído por meio de Medida Provisória do então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). O Comitê Gestor do Fundo de Financiamento Estudantil (CG-Fies) considera como inadimplentes os saldos

Dados obtidos pelo site revelam que mais de 1,6 mil estudantes devem parcelas do financiamento no Estado

devedores dos contratos com prestações não pagas a partir do nonagésimo dia após o vencimento da prestação, durante a fase de amortização do contrato. Quase 3 milhões de estudantes participaram do Fies

nos últimos 10 anos. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), 2,8 milhões desse total ainda estão em débito com a União. Os dados são contabilizados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) desde 2010.


A6

Local

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

DÍVIDAS DO ESTADO

Civil acumula dívidas de diversos serviços e agentes denunciam condições de trabalho Aluguel do prédio da Civil no município de Iracema, segundo publicações do Diário, está atrasado desde março deste ano BRYAN ARAÚJO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A Polícia Civil acumula dívidas de diversos serviços prestados à instituição. Num rápido levantamento feito pela reportagem no Diário Oficial do Estado (DOE) foi possível constatar débitos de aluguel de prédio, combustível, serviço técnico e

MAIS Polícia Civil acumula outros R$ 29 mil em débitos referentes ao serviço de telefonia móvel durante quatro meses telefonia. O governo disse que trabalha para resolver os problemas. O aluguel do prédio da Civil no município de Iracema, segundo publicações do Diário, está atrasado desde março deste ano. A dívida junto à proprietária do imóvel corresponde a mais de R$ 3 mil. O valor mensal de R$ 1,1 mil e está sem ser quitado desde março deste ano. Além da dívida de locação, a Polícia Civil acumula outros R$ 29 mil em débitos referentes ao serviço de telefonia móvel durante quatro meses. Assim como no caso do prédio alugado, a Civil pediu prioridade nos pagamentos da empresa à Secretaria da Fazenda (Sefaz) na

Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

última semana. Na outra ponta, uma solicitação do delegado-geral, Herbert de Amorim, pedia que fossem sanadas as dívidas junto à empresa que fornece combustível à instituição. Segundo o documento, R$ 200 mil eram devidos e correspondiam aos meses de maio e junho de 2019. Somado a isso, Amorim também pediu, no fim do mês passado, pagamento de R$ 58,5 mil do serviço de suporte técnico. O não pagamento dessas dívidas integra um rol de problemas enfrentados pela instituição. Nos últimos meses, agentes da Polícia Civil têm denunciado falta de papel, tinta e combustível para as viaturas. No fim de semana, um policial relatou que havia apenas 40 litros de combustível para a única viatura do 5º DP. O Distrito atende toda a cidade de Boa Vista. O policial contou à reportagem que as delegacias não possuem impressoras e papel para registrar os boletins de ocorrência. Além disso, as viaturas não têm combustível ou quando têm é regrado. “Estamos matando um leão por dia, algumas unidades da polícia estão até sem poder atuar devido à falta de combustível. Mas em algumas situações, o cidadão fica mesmo sem o atendimento”, relatou. O denunciante explicou que a falta de materiais tem dificultado o trabalho e impedido que os agentes exerçam a função de forma adequada. “Muitas vezes, ao sair de uma Delegacia com boletim de

ocorrência, a pessoa acredita que a polícia vai tomar as providências legais, mas se não tem combustível e papel, como vamos fazer o nosso trabalho?”, questionou. HISTÓRICO Em abril, o delegado geral da Polícia Civil em exercício, João Evangelista Batista dos Santos, encaminhou ofício à Secretaria da Fazenda (Sefaz) para que pagasse a empresa que fornece combustível à instituição. O valor em débito, segundo o documento, era de mais de R$ 100 mil. O serviço de segurança é considerado essencial. Por isso, a possível suspensão do fornecimento de combustível poderia ocasionar falha grave do governo de Roraima, já que investigações de crime ficariam comprometidas, tanto na capital quanto no interior do Estado. “Informo que o fornecimento de combustíveis é de extrema necessidade para a prestação dos serviços da Polícia Civil, sendo que a ausência dos pagamentos ocorrerá a quebra de cláusula contratual, corte no fornecimento dos serviços [combustíveis], com prejuízos nos procedimentos investigativos e periciais, bem como, o atendimento ao público”, reforçou o oficial. A situação não é de agora. Ela se arrasta há pelo menos seis meses. Em novembro do ano passado, em meio à falta de pagamento do salário dos servidores estaduais, as delegacias ficaram completamente desabastecidas.

Governo de Roraima suspende contrato para aluguel de veículos da Polícia Civil BRYAN ARAÚJO

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

Um contrato de aluguel de veículos para a Polícia Civil, entre o Governo de Roraima e a empresa Merronit Comercial LTDA, foi suspenso de forma unilateral pelo próprio Executivo. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) na última quinta-feira (8) sob alegação de quebra contratual por parte da empresa. O contrato foi firmado pela polícia ainda na gestão de Suely Campos (PP) e tinha como objeto único o fornecimento de veículos para atender as necessidades das delegacias do Estado. De acordo com o DOE, o contrato foi suspenso, pois o Governo alegou que os carros alugados não pertenciam a contratada e sim a empresa

Kaele LTDA, incidindo, assim, em descumprimento do contrato. O documento de rescisão foi assinado pelo delegado-geral da Polícia Civil, Herbert de Amorim Cardoso, no dia 25 de julho. “Sobre a desconformidade do contrato, sendo informada sobre os deveres da contratada e que nos termos do contrato era vedada a subcontratação total ou parcial dos serviços e que o veículo entregue deveriam ser de propriedade da contratada, podendo estar financiado”, justificou a instituição. Devido à quebra contratual, o Estado determinou ainda aplicação de multa no valor correspondente a mais de R$ 278,4 mil, o que equivale a 10% do valor dos itens cotados pela prestadora. Além disso, também foi determinada a suspensão temporária da empresa de participar de licitações e o impedimento da mesma de firmar contratos com a administração pública pelo prazo máximo de dois anos. O documento ressalta também que outras penalidades podem ser aplicadas cumulativamente a empresa, após apuração das condições que ensejam a respectiva rescisão. Depois de publicada a rescisão, a contratada deve anular as notas fiscais já emi-

tidas, com a suspensão dos pagamentos correspondentes, a fim de evitar pagamentos indevidos. A empresa tem o prazo de cinco dias úteis para recorrer da decisão. A empresa, com sede em Manaus, não retornou nenhuma das ligações feitas pelo Roraima em Tempo. O espaço está aberto para manifestação. OUTRO CASO Em julho, um contrato de aluguel firmado entre a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e a empresa Merronit Comercial LTDA, que havia sido rompido, voltou a valer após o governo recuar e revogar a rescisão da prestação de serviço. Conforme o Diário Oficial do Estado (DOE), a rescisão unilateral, isto é, tomada pelo próprio Executivo, ocorreu depois de a empresa descumprir cláusulas contratuais. O documento foi publicado no dia 5 de abril e assinado pelo secretário Emerson Carlos Baú. À época, o Estado alegou que os veículos alugados não pertenciam a Merronit, mas sim à outra empresa, o que não poderia ocorrer. “A empresa contratada foi notificada no dia 22 de outubro de 2018 sobre a desconformidade do contrato, sendo informada sobre os deveres da contratada e que nos termos do contrato era vedada a

Agentes denunciam falta de materiais básicos de expediente na Polícia Civil

A concentração de denúncias ficou no 5º Distrito Policial. Qualquer caso deveria ser direcionado àquela delegacia. Mas até lá, faltou material. “Continuamos sem papel, tonner [tinta para imprimir os registros], nenhum material de expediente é fornecido. Viaturas de cinco distritos policiais do interior estão quebradas. Caracaraí, Iracema, Mucajaí, Normandia e São João da Baliza. Nenhum trabalho está sendo executado”, assegurou à época um policial civil. NOTA GOVERNO A Polícia Civil de Roraima, por meio da Delegacia Geral (DG), informa que a Instituição vem gerenciando a crise financeira que se instalou em

Roraima, de forma a atender ao cidadão. Vários contratos foram ajustados e, em alguns casos, relicitados, devido às inúmeras dívidas contraídas em gestão anterior. Desta forma, foi possível regularizar os contratos para viabilizar o fornecimento de papel nas Unidades Policiais, cujo abastecimento já foi normalizado. Com relação ao combustível que estava sendo contingenciado, em razão da mudança de fornecedor, a Polícia Civil informa que a situação também foi normalizada, por meio do contrato com uma nova empresa que já liberou os cartões para abastecimento. Em relação às impressoras, a Polícia Civil informa que

foi realizado remanejamento de maneira que todas as unidades policiais possam fazer uso das impressoras, que estão funcionando normalmente. Quanto à questão do atraso no aluguel do prédio da Delegacia de Iracema, a Polícia Civil informa que foi autorizado o pagamento na manhã desta segunda-feira, dia 12, cujo recurso deverá ser liberado para pagamento nesta terça-feira, dia 13. Por fim, a Polícia Civil ressalta que mesmo diante das dificuldades, vem procurando realizar uma gestão otimizada, austera, alinhada com o Governo do Estado, com foco numa melhor prestação de serviço à população.

Sem receber salário há quatro meses, terceirizados ameaçam paralisar serviços ANDERSON SOARES

anderson.soares@roraimaemtempo.com.br

Os funcionários terceirizados que trabalham no setor de limpeza nas dependências do Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth, ameaçam paralisar as atividades para cobrar salários atrasados. Segundo eles, a reivindicação será realizada tanto pelos colaboradores que trabalham durante o dia, como os da noite. Ao Roraima em Tempo, uma terceirizada, que preferiu não se identificar, contou que a empresa União Comércio e Serviço pagou pela última vez os trabalhadores no mês de março deste ano. De lá para cá, não houve mais pagamento e nem previsão de quando será feito. Ela destacou que todos os funcionários da firma, que prestam serviço na maternidade, estão há quase seis meses sem receber. E que a saída encontrada, caso o pagamento não seja feito, será de cruzarem os braços como forma de pressionar os responsáveis pela empresa a pagar o salário dos funcionários. “Sabemos que o

governo de Roraima já fez o pagamento de todas as empresas terceirizadas que prestam serviço para o Estado. Então, não tem mais desculpas para não pagarem a gente. Estão nos enrolando dizendo: ‘mês que vem será pago’, mas isso nunca aconteceu”, desabafou. A trabalhadora disse ainda que muitos funcionários estão deixando a firma para tentar receber os salários atrasados, bem como direitos trabalhistas denunciando a situação na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Roraima. “Muitos moram de aluguel e não têm condições de ficarem trabalhando sem receber, esperando a boa vontade da empresa de pagar. Por isso, a maioria nessa situação está saindo do emprego. A gente pergunta pelo pagamento e não nos

dão nenhuma explicação”, lamentou. Passando por dificuldades, a denunciante contou como tem sido viver sem receber o salário por quase seis meses. “Estou com cinco boletos de conta de luz e água atrasados. Já recebi o aviso de corte e a qualquer momento posso ficar no escuro, sem energia elétrica e água. Sem contar que não tem dinheiro para comprar comida. Ontem, por exemplo, almocei mingau de arroz”, detalhou. EMPRESA Procurado pelo Roraima em Tempo, o responsável pela empresa União Comércio e Serviço, Ribamar Nogueira, não atendeu e nem retornou as ligações feitas na tarde dessa terça-feira (13). Arquivo/Roraima em Tempo

Paralisação irá ocorrer caso os terceirizados não recebam salário


Política Nacional

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

A7

CONSTRUÇÃO

Revisão do pacto federativo reunirá até seis PECs, afirma presidente do Senado Ele se reuniu com o ministro da Economia para discutir as propostas que pretendem descentralizar recursos da União Marcelo Camargo/Agência Brasil

Prevista para começar a ser discutida ainda este ano, a revisão do pacto federativo poderá englobar de quatro a seis propostas de emenda à Constituição (PECs), afirmou ontem (13) o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Ele se reuniu por cerca de uma hora com o ministro da Economia, Paulo

INDEPENDENTES Presidente do Senado disse não ter conversado sobre reforma tributária com Guedes. Segundo ele, a revisão do pacto federativo e as mudanças nos impostos são temas independentes Guedes, para discutir as propostas que pretendem descentralizar recursos da União. Segundo Alcolumbre, as PECs tramitarão simultaneamente no Senado e tratarão de temas como a repartição dos recursos da cessão onerosa (leilão de exploração dos barris extras de petróleo na camada pré-sal), a nova distribuição do Fundo Social do Pré-Sal e a revisão da

Alcolumbre conversou com a imprensa depois de se encontrar com ministro da Economia

Lei Kandir (por meio da qual a União compensa os estados pela isenção de tributos estaduais nas exportações). “O que ficou estabelecido é que vamos construir quatro, cinco ou seis emendas constitucionais. Vamos cumprir um acordo construído com os go-

vernadores e os prefeitos para que o Senado, como Casa da Federação, possa se debruçar sobre essas possibilidades de descentralização de recursos, inclusive da exploração de petróleo, da cessão onerosa. Falamos um pouco de Lei Kandir também. É importante que o Es-

DIVULGAÇÃO

Bonsaglia disse que reunião foi boa

Bonsaglia se reúne com Bolsonaro às vésperas de indicação do novo PGR Um dos cotados a assumir o comando da Procuradoria-Geral da República, Mário Bonsaglia foi ao Palácio do Planalto na tarde de ontem (13) para conhecer pessoalmente o presidente Jair Bolsonaro, responsável por escolher o próximo procurador-geral. Bonsaglia avaliou positivamente o encontro. Ele e o presidente conversaram sobre vários temas e expuseram seus pontos de vista. “A reunião foi boa. O presidente colocou algumas preocupações dele em relação à área jurídica, ao Ministério Público, e eu expus a minha visão a respeito de tais questões, que são no sentido daquilo que eu discuti ao longo da campanha da eleição da lista tríplice”, disse, sem entrar em detalhes.

Um dos temas abordados foi a compatibilização entre preservação do meio ambiente e exploração de recursos naturais. Bonsaglia se mostrou alinhado com Bolsonaro nesse sentido. “[Tratamos da] importância de compatibilizar a preservação da Amazônia com desenvolvimento sustentável. Essa é a minha posição também”, comentou. Questionado se tinha a mesma visão que Bolsonaro sobre facilitar a permissão de exploração de terras indígenas, Bonsaglia se esquivou de firmar posição, mas ponderou que o Ministério Público Federal já discute a questão internamente. “O Ministério Público Federal é uma instituição plural, onde há diversas re-

flexões a respeito do tema e que podem ser desenvolvidas no sentido de que os direitos envolvidos podem ser compatibilizados. Os direitos à preservação à vida tradicional dos povos indígenas, direito à exploração econômica sustentável de setores preservados de modo a se conciliar os diversos valores em jogo”. Bonsaglia é o primeiro colocado na lista tríplice formulada pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR). A lista é composta ainda por Luiza Frischeisen e Blal Dalloul. Bolsonaro já declarou que não se sente obrigado a escolher um dos três nomes, embora seja uma tradição presidencial. Nome deve sair até sexta-feira (16). Por: Agência Brasil

tado reconheça, pelo menos no ano de 2019, e pague essa conta para os estados, especialmente os exportadores”, declarou. O presidente do Senado disse não ter conversado sobre reforma tributária com Guedes. Segundo ele, a revisão do pacto federativo e as mudanças nos

impostos são temas independentes. “A reforma tributária é simplificação. A descentralização de recursos é fazer com que estados e municípios possam ter mais recursos para fazerem postos de saúde, estradas, comprarem medicamentos”, avaliou.

Alcolumbre considerou a revisão do pacto federativo como urgente porque os estados e os municípios estão com as finanças estranguladas enquanto as obrigações de fornecer serviços públicos aumentaram nas últimas décadas. “Isso é um debate aguardado há muitos anos pela sociedade brasileira. Os governadores e prefeitos estão recebendo atribuições do Governo Central sem os recursos necessários para viabilizarem as soluções para os problemas que são monstruosos no Brasil. Num país com 5.570 municípios, com várias realidades e dimensões constitucionais, os governos e os prefeitos estão gerenciando folha de pagamento e recursos humanos”, ressaltou. Em relação à reforma da Previdência, que começou a tramitar no Senado, Alcolumbre disse ter apenas comunicado a Guedes o calendário de tramitação da proposta acertado com a presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), senadora Simone Tebet (PMDB-MS), e com o relator da proposta, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). O cronograma prevê a conclusão da tramitação na CCJ em quatro semanas e a votação em Plenário até a última semana de setembro. “Agora, vamos socializar esse calendário com os líderes partidários”, afirmou. Por: Agência Brasil

Justiça determina que Alexandre Nardoni volte ao regime fechado A 4ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo decidiu nessa terça-feira (13), por unanimidade, cassar a progressão prisional concedida a Alexandre Nardoni, condenado a 30 anos de reclusão pelo homicídio, em 2008, da filha, Isabela Nardoni. Com a decisão, ele terá de retornar ao regime fechado na Penitenciária 2 de Tremembé. Nardoni havia conseguido progressão prisional e estava em regime semiaberto desde o final do mês de abril. Após a decisão inicial da Justiça de abrandar a pena, o Ministério Público recorreu e obteve ontem decisão favorável no órgão colegiado. O relator do caso, desembargador Luís Soares de Mello,

disse que, apesar de Alexandre Nardoni ter cumprido os requisitos temporais para a progressão prisional, ainda não está clara a readaptação social dele. Mello destacou que o exame criminológico foi insuficiente para determinar, de forma segura, se Nardoni faz jus ao benefício da progressão. “Tratando-se de delito hediondo, verdadeiramente nefasto, com penas altas a descontar, toda prudência será necessária para colocar-se o cidadão de volta ao convívio social. O caso, enfim, recomenda cautela de modo que o regresso do agravante ao seio social deve ser feito com toda a prudência possível”, disse em seu voto. Na decisão da 4ª Câmara

ainda foi determinado que Nardoni seja submetido ao teste de Rorschach, avaliação em que são utilizadas pranchas com borrões de tinta. As respostas revelam dados a respeito do desenvolvimento psíquico, das funções e sistemas cerebrais do indivíduo. Alexandre Nardoni foi condenado à pena de 30 anos, dois meses e 20 dias de reclusão, em regime inicial fechado, por homicídio qualificado por meio cruel, mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima, de sua filha Isabela Nardoni, de 5 anos, em 2008. Sua esposa e madrasta da vítima, Ana Carolina Jatobá, também participou do crime e foi condenada a 26 anos e oito meses. Por: Agência Brasil

Aécio quer reunião com presidente do PSDB O deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) planeja se reunir com o presidente do PSDB, Bruno Araújo, para tratar do processo no conselho de ética da sigla no qual é alvo. O encontro ainda não tem data. O diretório tucano municipal de São Paulo moveu contra o ex-governador de Minas Gerais um pedido de expulsão da legenda. Aécio tem dito a aliados que setores do PSDB promovem uma espécie de Sharia, conjunto de leis islâmicas consideradas excessivamente rigorosas, e que ele quer ser julgado na legenda por algo como o Código Penal Brasileiro.

Antes de sair da presidência do PSDB em maio, Geraldo Alckmin criou um conselho de ética no partido que prevê a expulsão de filiados condenados na Justiça. Um interlocutor de Aécio afirma que para a expulsão acontecer é preciso alterar o código de ética ou esperar o tucano ser condenado na Justiça. Apesar de não ter sido condenado, o ex-candidato a presidente nas eleições de 2014 foi alvo de pelo menos nove inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) após ser citado na delação premiada de Joesley Batista, dono da JBS. Somente um desses casos

evoluiu e transformou o mineiro em réu, que é o que trata do empréstimo de R$ 2 milhões pedido pelo tucano para bancar defesa na Lava Jato. O ex-ministro da Cidades e ex-deputado federal Bruno Araújo assumiu o comando do partido em uma eleição sem concorrentes e apadrinhado pelo governador de São Paulo, João Doria. O paulista quer promover na sigla uma mudança de postura e expurgar quadros do partido envolvidos em escândalos de corrupção. O ex-governador do Paraná Beto Richa também é um dos alvos da nova gestão tucana. Por: Congresso em Foco


A8

Política Nacional

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

SEM PARTIDO

Após expulsão de Alexandre Frota do PSL, Democratas e Tucanos aguardam resposta Decisão foi tomada por todos os nove presentes na reunião e aconteceu por críticas que Frota tem feito a Jair Bolsonaro DIVULGAÇÃO

O deputado federal Alexandre Frota  foi expulso do PSL nessa terça-feira (13) do PSL. A decisão aconteceu após reunião comandada pelo presidente da legenda, Luciano Bivar. O PSDB e o DEM aguardam resposta do deputado sobre a qual partido ele irá se filiar. A decisão foi tomada por todos os nove presentes na reu-

SEM RESPOSTA Ao Congresso em Foco, o presidente do DEM, ACM Neto, afirmou que o expesselista ainda não deu uma resposta

nião e aconteceu por críticas que Frota tem feito ao presidente Jair Bolsonaro e aos deputados do PSL de São Paulo. Ao Congresso em Foco, o presidente do DEM, ACM Neto, afirmou que o ex-pesselista ainda não deu uma resposta. Bruno Araújo, presidente do PSDB, não respondeu

os contatos da reportagem. O presidente do PSDB-SP, Marco Vinholi, afirmou que não conversou sobre isso com o congressista, mas afirmou que ele “é um ótimo parlamentar”. Em mensagem compartilhada no Twitter no dia 17 de julho, Frota disse que recebeu convite para entrar no PSDB do governador João Doria (PSDB-SP). “Fiquei muito feliz de receber o convite do Dória. [...] Na verdade ele deixou as portas abertas do novo PSDB caso um dia eu venha a mudar de partido”, afirmou. Frota também está em atrito com congressistas do PSL em São Paulo e foi alvo de duas representações que pedem sua expulsão da legenda, uma do senador Major Olímpio (PSL-SP) e outra da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP). Na semana passada, o deputado apagou o perfil nas redes sociais. No Twitter, Frota se manifestava frequentemente contra questões defendidas pelo governo Bolsonaro. Em março de 2019, o deputado compartilhou no Twitter mensagem se descrevendo como “persona non grata no governo Bolsonaro” e  que isso aconteceu por “defender a prisão do [Fabrício] Queiroz”, apontado em relatório do Con-

selho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), por movimentações financeiras suspeitas. Queiroz é ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente. Frota também criticou a indicação do terceiro filho de Jair Bolsonaro, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para ser embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Outro ponto de atrito foi durante a votação da reforma da Previdência. O PSL fechou questão pela aprovação da reforma. O deputado agora ex-filiado ao PSL de São Paulo foi o único da bancada presente na votação que não votou a favor e se absteve no 2º turno. A deputada estadual Janaína Paschoal (PSL-SP) saiu em defesa de Frota ontem antes mesmo de a Executiva Nacional decidir pela expulsão. “Não sei se tem alguma coisa particular que eu desconheçoo, o que veio a publico foram manifestações do deputado, não sei tem outro problema ali. Não sei por que estão fazendo isso, eu não gosto”, disse após se reunir com senadores favoráveis ao impeachment do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli. Por: Congresso em Foco

Alexandre Frota fez duas crítica ao presidente da República

DIVULGAÇÃO

Humberto Costa ocupará cadeira na Comissão de Relações Exteriores

Manuela D’ávila vai à Câmara explicar contato com hacker A ex-deputada Manuela D’ávila (PCdoB-RS) irá à Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados para falar sobre o contato que teve com o hacker Walter Degatti Neto, pessoa a quem passou o telefone do editor do Intercept, Glenn Greenwald. A audiência ainda não tem data. O requerimento foi aprovado nessa terça-feira (13) e é de autoria do deputado federal Capitão Augusto (PL-SP). No Twitter, a ex-candidata a vice-presidente na chapa

presidencial de Fernando Haddad (PT) em 2018 declarou que aceitará o convite e estará presente na comissão. Um dos suspeitos de invadir mensagens de autoridades dos Três Poderes,  Walter Degatti contou em depoimento a Polícia Federal que fez contato com o jornalista do Intercept Glenn Greenwald por meio de Manuela. Em nota, a política do PCdoB confirmou que compartilhou o número de Glenn. Por: Congresso em Foco

EXPEDIENTE

Requerimento foi aprovado nessa terça-feira (13)

O senador Humberto Costa (PT-PE) será o novo titular da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) do Senado. Ele vai ocupar a 19ª cadeira do colegiado e, como informou o presidente da CRE, Nelsinho Trad, pode dar o voto de minerva sobre a indicação de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil em Washington, nos Estados Unidos. “Não será um problema para mim”, garantiu Humberto, que já se mostrou contrário à indicação do filho do presidente Jair Bolsonaro para a chefia da missão diplomática em Washington. Humberto Costa foi indicado para a comissão pelo Bloco Parlamentar da Resistência Democrática, que no início do ano deixou de indicar um dos titulares

a que tinha direito para a CRE e agora foi cobrado dessa decisão já que a comissão está bastante dividida sobre a indicação de Eduardo Bolsonaro e não quer ficar em um empate sobre esse assunto. “Nós vamos ter uma po-

tem esse perfil. Então, nossa tendência vai ser rejeitar”, afirmou Humberto, lembrando, porém, que uma decisão final só será tomada após Eduardo Bolsonaro ser sabatinado pela CRE. Por: Congresso em Foco DIVULGAÇÃO

Ele vai ocupar a 19ª cadeira do colegiado

DIREÇÃO GERAL: ROSILENE BRITO DIREÇÃO COMERCIAL: CYNTHIA NOLETO EDITOR-CHEFE: JOSUÉ FERREIRA EDITORA: NEIDIANA OLIVEIRA EDITORES SETORIAIS: NONATO SOUSA, PLINIO VICENTE, SÉRGIO PAULO REPÓRTERES: ANA PAULA LIMA, ANDERSON SOARES, GABRIELA GUIMARÃES, NAILSON ALMEIDA, YARA WALKER E WINICYUS GONÇALVES

sição muito clara no sentido de que só devemos aprovar alguém para em espaço de relevância como essa, para alguém que tenha perfil, preparação, atributos e vá fazer uma política de Estado. E nossa avaliação é que o indicado não

FOTÓGRAFOS: EDINALDO MORAIS DIAGRAMADORES: NAZARENO NEVES E JÚNIOR PINHEIRO EDITORA ON LINE LTDA ENDEREÇO: ALAMEDA CANARINHO, 150, CANARINHO, BOA VISTA/RR – CEP. 69.306-580 FONE: 95 3624 6958 EMAIL JORNALISMO: jornalismo@roraimaemtempo.com.br EMAIL ADMINISTRATIVO: administrativo@roraimaemtempo.com.br EMAIL COMERCIAL: comercial@roraimaemtempo.com.br


Economia A9

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

OPINIÃO CONTRÁRIA

Para analistas, mesmo com economia fraca no 2º trimestre recessão técnica é inviável Índice de atividade divulgado pelo Banco Central apontou risco de retração do PIB. Levantamento mostrou, no entanto, que maioria dos economistas projeta crescimento DIVULGAÇÃO

COTAÇÕES

Bolsa subiu e ganhou 1,36%; dólar recuou para R$ 3,96 SÃO PAULO - O pregão da Bolsa de Valors se recuperou parcialmente nesta terça-feira (13) da queda da véspera, apoiada por notícias positivas sobre a disputa comercial entre Estados Unidos e China, em sessão também marcada por uma bateria de resultados corporativos domésticos. BOLSA Principal índice acionário do Brasil, o Ibovespa subiu 1,36%, a 103.299,47 pontos. O volume financeiro do pregão somou 18,2 bilhões de reais. O pregão desta terça-feira também foi marcado por ajuste antes do vencimento dos contratos de opções do Ibovespa e do índice futuro nesta quarta-feira (14). DESTAQUES - MAGAZINE LUIZA subiu 3,93%. No setor, VIA VAREJO avançou 2,17% e B2W valorizou-se 2,73%. - SUZANO avançou 5,87%. KLABIN subiu 3,3%. - ECORODOVIAS avançou 4%, após assinar na véspera acordo de leniência de 400 milhões de reais com a força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal no Paraná, valor que inclui multas, reduções de tarifas de pedágio e investimentos nos empreendimentos operados pela empresa. - VALE subiu 2,97%. - COSAN cedeu 1,36%. - ELETROBRAS PNB caiu 0,3%. - No segmento bancário, ITAÚ UNIBANCO PN e BRADESCO PN subiram 1,96% e 1%, respectivamente. BANCO DO BRASIL fechou em alta de 1,2%. - PETROBRAS PN avançou 1,2%, apoiada na forte valorização dos preços do petróleo no exterior.

ENCOLHIMENTO O Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), uma espécie de “prévia” do PIB, divulgado pelo Banco Central (BC), mostrou que a economia brasileira encolheu 0,13% no segundo trimestre na comparação com os três primeiros meses do ano BRASÍLIA - Apesar dos dados decepcionantes da atividade econômica no período entre abril e junho, a maioria dos analistas trabalha com a estimativa de que o Produto Interno Bruto (PIB) deve ter avançado no segundo trimestre, afastando assim o risco de entrada do Brasil em “uma recessão técnica”, argumentou nesta terça-feira (13) a área técnica do governo. Na segunda-feira (12), o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), uma espécie de “prévia” do PIB, divulgado pelo Banco Central (BC), mostrou que a economia brasileira encolheu 0,13% no segundo trimestre na comparação com os três primeiros meses do ano. Como o nível de atividade já havia recuado 0,2% nos três primeiros meses

Analistas chamam a atenção para as diferenças entre as pesquisas divulgadas e o resultado oficial do PIB para justificar a manutenção da expectativa de crescimento

deste ano ante o último trimestre do ano passado, a economia brasileira pode ter entrado em uma “recessão técnica” – que se caracteriza por dois trimestres seguidos de tombo do PIB. Embora o indicador do BC tenha ligado sinal de alerta, uma eventual retração da atividade no segundo trimestre está distante de ser um consenso entre economistas. Levantamento do G1 com 10 analistas mostra que houve revisões para baixo,

mas que a maioria do mercado continua projetando um resultado acima de zero. Para o período de abril a junho, na comparação com o 1º trimestre, as estimativas vão de retração de 0,2% a crescimento de 0,5%. O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia. O IBC-Br, do Banco Central, porém, é somente um indicador criado para ten-

REPRODUÇÃO/EPTV

DÓLAR O dólar comercial fechou o dia em baixa de 0,422%, cotado a R$ 3,9669. O Euro também se desvalorizou e fechou a R$ 4,4305, recuo de 0,901%.(Fontes: AE/JB/UOL/Reuters).

CÂMBIO DO DIA COMPRA E VENDA

Dólar Comercial R$ 3,9656/R$ 3,9669 (-0,422%) Euro R$ 4,4285/R$ 4,4305 (-0,901%) Libra R$ 4,7777/R$ 4,7803 (-0,698%) Peso argentino R$ 0,0709/R$ 0,0717 (-6,152%) Bolívar oficial R$ 1,00=Bs 2.523,24/BS 2.548,47 Paralelo Santa Elena R$ 1,00=Bs 3.575,56/Bs 3.611,31 Dólar Guianense oficial R$ 1,00=GYD$ 52,79/GYD$ 53,31 Paralelo Lethem R$ 1,00=GYD$ 58,06/GYD$ 58,64

O crescimento das vendas ficou bem abaixo do que foi registrado em 2018, quando houve aumento de 3,9%

Vendas de Dia dos Pais tiveram alta de 0,8% em 2019, aponta Serasa SÃO PAULO - As vendas do comércio durante a semana dos Dia dos Pais tiveram neste ano um aumento de 0,8%, na comparação com o período equivalente do ano passado, segundo pesquisa da Serasa Experian. Já considerando apenas o fim de semana de 9 a 11 de agosto, houve queda de 4%, na comparação 2018. O crescimento das vendas na data ficou bem abaixo do regis-

trado em 2017 e 2018, quando houve aumento de 2,5% e 3,9%, respectivamente. A Serasa avaliou, entretanto, que o resultado representa uma possível melhora do comércio para o segundo semestre, em função da redução da inflação, retomada da queda dos juros e melhora na confiança dos consumidores. “Neste ano, depois de duas quedas consecutivas apresentadas

nos Dia das Mães (-1,8%) e Dia dos Namorados (-2,9%), o indicador volta a crescer com as vendas de Dia dos Pais”, destaca a pesquisa. O Indicador foi calculado com base nas consultas realizadas no banco de dados da Serasa Experian. Foram consideradas as consultas realizadas no período de 5 a 11 de agosto de 2019 e comparadas às consultas do 6 a 12 de agosto de 2018. (Fonte: AG).

tar antecipar o resultado do PIB – que é calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os números oficiais do PIB do segundo trimestre serão divulgados em 29 de agosto. Os analistas chamam a atenção para as diferenças metodológicas entre as pesquisas divulgadas e o resultado oficial do PIB para justificar a manutenção da expectativa de crescimento, mesmo com uma coleção

de resultados ruins apurados entre abril e junho “A pesquisa mensal de serviços do IBGE não é igual ao setor de serviços medido no PIB, é bem diferente. A gente se surpreendeu até positivamente, por exemplo, com os serviços prestados às famílias”, diz Silvia, do Ibre. A economista aponta também a recuperação da indústria da transformação, apesar do risco de mais um trimestre negativo para indústria geral. (Fonte: AG).

Inflação nos EUA registrou alta de 0,3% em julho, mas não impedirá novo corte de juros WASHINGTON - Os preços ao consumidor nos Estados Unidos subiram em julho, mas o aumento da inflação provavelmente não mudará as expectativas de que o Federal Reserve cortará a taxa de juros novamente no próximo mês em meio à piora das tensões comerciais. O Departamento do Trabalho informou nesta terça-feira (13) que o índice de preços ao consumidor subiu 0,3% no mês passado, impulsionado pelos aumentos no custo dos produtos energéticos e uma série de outros bens. O índice de preços subiu 0,1% por dois meses consecutivos. Nos 12 meses até julho, o índice aumentou 1,8%, após avançar 1,6% em junho. Economistas consultados pela Reuters previam que

o índice de preços ao consumidor aceleraria a 0,3% em julho e aumentaria 1,7% na comparação anual. Excluindo os componentes voláteis de alimentos e energia, o índice de preços avançou 0,3%, depois de subir pela mesma margem em junho. O chamado núcleo da inflação foi impulsionado pelo aumento dos preços de vestuário, passagens aéreas, saúde e móveis. Nos 12 meses até julho, o núcleo do índice de preços subiu 2,2% depois de avançar 2,1% em junho. O Fed, que tem uma meta de inflação de 2%, acompanha o índice de preços PCE para definição de política monetária. O núcleo do PCE subiu 1,6% na comparação anual em junho e tem ficado abaixo da meta este ano. (Fontes: AP/Reuters). JOHN GRESS/REUTERS

Bandeira dos EUA em frente à Bolsa de Chicago, principal do mundo em commodities


A10

Economia

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

NOVAS NORMAS

Governo altera distribuição de recursos para subsídio do seguro rural em 2020 Com a mudança feita pelo Ministério da Agricultura, culturas de inverno, produção de frutas e modalidades pecuárias terão mais ajuda financeira para contratar apólices TVCA/REPRODUÇÃO

VALOR RECORDE Segundo o governo, as mudanças vão permitir que mais produtores contratem o seguro rural em 2020, quando o programa de subsídios vai atingir o valor recorde de R$ 1 bilhão

No caso das culturas de inverno, como o trigo e o milho segunda safra, o subsídio bancado pelo governo vai variar de 35% ou 40%, a depender do tipo de cobertura contratada

BRASÍLIA - O Ministério da Agricultura anunciou nesta terça-feira (13) novas regras para distribuição de recursos subsidiados para o seguro rural. Os produtores de frutas, hortaliças e culturas de inverno te-

rão mais recursos do governo para a contratação de apólice. As mudanças vão entrar em vigor a partir do dia 1º de janeiro de 2020. Para o setor hortifrúti, pecuária, aquícola e florestal, o percen-

tual de participação do governo no pagamento do seguro será de 40%, o que representa uma elevação de 5 pontos percentuais em relação à regra atual. No caso das culturas de inverno, como o trigo

e o milho segunda safra, o subsídio vai variar de 35% ou 40%, a depender do tipo de cobertura contratada. Antes, o valor limite para apoio da contratação estava entre 30% a 40%.

Já para os grãos de verão, como a soja e o milho primeira safra, a participação do ministério será entre 20% e 30%, também de acordo com cobertura escolhida pelo produtor no mo-

mento da contratação da apólice. Antes, esteve percentual ficava entre 30% a 40%. Segundo o governo, as mudanças vão permitir que mais produtores contratem o seguro rural em 2020, quando o programa de subsídios vai atingir o valor recorde de R$ 1 bilhão. “Precisamos massificar a contratação do seguro rural no país e essa medida, juntamente como a elevação do orçamento para R$ 1 bilhão no próximo ano, será um passo importante nessa direção”, avaliou, por meio de nota, o diretor do Departamento de Gestão de Riscos do Ministério da Agricultura, Pedro Loyola. (Fonte: AG).

Exportação de café solúvel no acumulado do ano sobe 13%, mostra Abics , DIVULGAÇÃO/ABICS

SÃO PAULO - As exportações brasileiras de café solúvel tiveram queda em julho deste ano na comparação com igual período de 2018, informou nesta terça-feira (13), a Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics). Em volume, as vendas externas caíram 3,46% na comparação anual, para 326,8 mil sacas. A receita no mês teve queda ainda mais considerável, refletindo o recuo dos preços da commodity: 17,48%, para US$ 46,26 milhões. As exportações totais no acumulado dos sete meses de 2019 apresentam crescimento de 13,63% em relação ao mesmo período de 2018, para 2,3 milhões de sacas. A receita, entretanto, recuou 0,93% no período, para US$ 338,4 milhões. Os principais destinos do café solúvel brasileiro no período foram os EUA, com 372, mil sacas e alta de

11,92%, Rússia, com 220,5 mil sacas e queda anual de 5,11%, e Indonésia, com 171,5 mil sacas, aumento anual de 11,61%. O diretor de relações internacionais da Abics, Aguinaldo Lima, afirmou que os resultados do acumulado do ano são positivos e estimou que o Brasil possa exportar 500 mil sacas de solúvel a mais do que em 2018. “Assim como o café verde, o solúvel brasileiro vem ganhando mais espaço no mercado internacional e, se essas projeções permanecerem nesse ritmo, o País poderá exportar 500 mil sacas do produto a mais em relação a 2018”, estimou ele. Com relação ao café em grão, as exportações totais do Brasil, incluindo verde, solúvel e torrado, chegaram a 3,2 milhões de sacas de 60 quilos em julho de 2019, avanço de 28,2% em relação ao mesmo

mês de 2018. Esse é o maior volume embarcado em um mês de julho dos últimos cinco anos. A receita cambial para o período foi de US$ 378,2 milhões, alta de 5,1% na comparação anual. No acumulado dos sete primeiros meses do ano, as exportações também foram as maiores dos últimos cinco anos, chegando a 23,5 milhões de sacas, alta de 37,6%. A receita cambial cresceu 11%, atingindo US$ 2 bilhões. Principais destinos foram EUA, Alemanha, Itália e Japão. Entre agosto de 2018 e julho de 2019, o volume exportado também foi recorde histórico para o período, com 42,1 milhões de sacas. A exportação de cafés diferenciados cresceu 58,8% em volume no acumulado do ano, chegando a 4,5 milhões de sacas, ou 19,1% do total embarcado. (Fontes: Canal Rural/Agência Safras).

Principais destinos foram os EUA, com 372, mil sacas, alta de 11,92%, e Rússia, com 220,5 mil sacas e queda anual de 5,11%

União consegue arrecadar R$ 148 milhões com leilão de 3 áreas portuárias SÉRGIO FURTADO/MINISTÉRIO DA INFRAESTRUTURA

Nesta terça-feira foram leiloadas na Bolsa de Valores três áreas portuárias - duas em Santos e uma em Paranaguá

SÃO PAULO - O governo federal atraiu interessados para os 3 terminais portuários oferecidos em leilão realizado nesta terça-feira (13) NA Bolsa de Valores, em São Paulo. Os lances vencedores somaram R$ 148,5 milhões em valor de outorga. Desse total, R$ 37,125 milhões serão pagos à vista, na assinatura do contrato, que deve ocorrer em até 120 dias. O restante será pago em 5 parcelas anuais, segundo o Ministério da Infraestrutura. Foram leiloadas duas áreas no Porto Santos, em São Paulo, e uma área no Porto de Paranaguá, no Paraná. Os terminais em Santos são destinadas à movimentação de graneis

líquidos combustíveis (STS13A), e fertilizantes e sal (STS20). No Porto de Paranaguá, a área que será arrendada é destinada à movimentação de carga geral, especialmente papel e celulose. Os 3 terminais fazem parte do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) do governo federal. A previsão de investimentos é de cerca de R$ 420 milhões durante os 25 anos de arrendamento. Pelas regras, arremataram as áreas as empresas e/ou consórcios que ofereceram o maior valor de outorga. Este é o 3º leilão realizado no setor portuário no ano. Em abril, o governo federal arrecadou R$ 447,9

milhões com a outorga de 6 terminais portuários no Pará. Em março, foram levantados R$ 219,5 milhões com o arrendamento de 4 áreas portuárias na Paraíba e 1 no Espírito Santo. Com o leilão desta terça, já foram entregues pelo PPI 27 projetos em quatro setores: portos (13), aeroportos (12), ferrovias (1) e energia (1). A carteira atual de projetos inclui cerca de 100 empreendimentos na áreas de transportes, energia. óleo e gás, mineração, incluindo a privatização de estatais como Eletrobras e Casa da Moeda, com previsão de R$ 180,22 bilhões em investimentos até 2022. (Fonte: AG).


Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Mundo A11

CRISE BOLIVARIANA

Assembleia pró-Maduro aprova novas eleições parlamentares na Venezuela Assembleia Nacional Constituinte revogou a imunidade de mais de 20 deputados nos últimos dois anos. Diosdado Cabello, presidente da ANC, anuncia comissão para estudar a data do pleito LEONARDO FERNANDEZ/AP

AVALIAÇÃO

Presidente da Guatemala reage e exige respeito de Donald Trump

O número 2 do chavismo e e presidente da Assembleia Constituinte, Diosdado Cabello, disse que a comissão avaliará “de acordo com a lei, a Constituição e a situação política” qual seria o melhor momento para as eleições legislativas CARACAS - A Assembleia Constituinte pró-governo da Venezuela anunciou nesta terça-feira (13) a criação uma comissão para preparar a antecipação das eleições parlamentares de 2020, o que daria ao governo uma oportunidade de reaver o controle do Congresso dominado pela oposição. No domingo (11), o líder opositor Juan Guaidó alertou que a Assembleia Constituinte Ontem, a Assembleia Nacional Constituinte, conttrolada pela ditadura de Nicolás Maduro, anunciou que as eleições legislativas serão antecipadas decidiria dissolver o Congresso que ele comanda e adiantar as eleições depois que o presidente Nicolás Maduro pediu uma nova “ofensiva”. O número 2 do chavismo e e presidente da Assembleia Constituinte, Diosdado Cabello, TWITTER/MICHAEL DEADDER minimizou os comentários de Guzmán foram os deputados teu tomar medidas para Guaidó e disse que, embora teafetados pela decisão. Todos proteger os colegas do Lenha sido cogitado, não há nesão acusados de terem “incor- gislativo da nova investida cessidade de dissolver o Parlarido de maneira flagrante” em do chavismo. mento, já que ele “não funciona” A medida foi tomada vários crimes, entre eles traição e “se eliminou a si mesmo”. após o presidente da Venezueà pátria e conspiração. Qualquer tentativa de disO presidente da Assem- la, Nicolás Maduro, ter ameaçasolver o Congresso aumentaria as bleia, Diosdado Cabello, leu o do “castigar com severidade” os críticas a Maduro na comunidade pedido feito pelo TSJ para re- que apoiarem o bloqueio aos internacional e quase certamente vogar a imunidade parlamen- bens do país decretado pelo interromperia as conversas entre o tar dos quatro deputados, que governo de Donald Trump. governo e aliados de Guaidó, meNas redes sociais, Guaiforam eleitos para a Assemdiadas pela Noruega, para chegar bleia Nacional, o parlamento dó afirmou que a imunidaa uma solução negociada para o da Venezuela, considerado de parlamentar dos quatro impasse político da Venezuela. Guaidó diz que ninguém reconhece o “falso TSJ, nem a fraudulenta ANC” “sem funções” pela Justiça. deputados opositores não Cabello disse que a comisA Assembleia Nacio- pode ser revogada por “falsão avaliará “de acordo com a lei, nal Constituinte, que não sas instituições”. “Ninguém a Constituição e a situação polítiCARACAS - A Assembleia possam ser julgados por cri- é reconhecida por vários reconhece o falso TSJ. Nem ca” qual seria o melhor momento Nacional Constituinte da mes comuns. A decisão foi países, revogou a imunida- a fraudulenta Constituinte. para as eleições legislativas. Venezuela, integrada ape- tomada atendendo a pedi- de parlamentar de mais de Só resta a eles a repressão. Em um alerta dirigido a parnas por chavistas, anunciou do feito pelo Tribunal Supre- 20 deputados nos últimos Obstruem qualquer solução lamentares opositores, Cabello nesta terça-feira (13) a revo- mo de Justiça (TSJ), também dois anos. Um dos afeta- pacífica para defender seus disse: “Não saiam de férias, porque gação da imunidade parla- controlado pelos chavistas. dos pelas ações do órgão negócios e interesses pestornaremos a vida impossível para José Guerra, Tomás Gua- foi o líder da oposição, soais”, disse Guaidó. (Fontes: mentar de quatro deputavocês ao longo do próximo mês”. dos opositores para que eles nipa, Juan Pablo García e Rafael Juan Guaidó, que prome- AP/EFE/Reuters). Na manhã de segunda-feira (12), a Suprema Corte anunciou ter acusado três parlamentares opositores de traição e conspiração, além de 21 outros deputados a quem o tribunal imputou crimes semelhantes desde 2018. Dos acusados, três parlamentares continuam presos, e a maioria dos DIVULGAÇÃO/TWITTER outros ou fugiu do país ou buscou CIDADE DO MÉXICO - Centenas refúgio em embaixadas solidárias. de manifestantes saíram às ruas, As eleições parlamentares esta terça-feira (13), na Cidade são realizadas a cada cinco anos, e do México, de forma a pedir jusnão deveriam ocorrer antes de detiça para duas adolescentes que zembro de 2020. Em 2015, a opoforam, supostamente, abusadas sição conquistou uma maioria de sexualmente por policiais. dois terços do Congresso em uma O primeiro caso envolve votação que venceu com grande uma jovem de 17 anos que acuvantagem, assumindo seu controsa quatro policiais de a estuprale pela primeira vez em 16 anos. O rem na viatura de patrulha em governo Maduro se recusou a reAzcapotzalco, norte da capital conhecer todas as suas decisões, e mexicana, em 3 de agosto. O a Suprema Corte anulou todas as caso gerou polêmica e a procumedidas que a Casa aprovou. radora da cidade, Ernestina GoEm 2017, Maduro realizou doy, admitiu na semana passada uma eleição para criar uma Asque os policiais ainda não foram sembleia Constituinte, um orgaacusados porque as autoridades nismo todo-poderoso que tem a estão à espera de que a vítima Manifestantes saíram à rua na Cidade do México para protestar contra o abuso de adolescentes incumbência oficial de reescrever identifique os responsáveis. a Constituição, mas que na prátiNo outro caso, apenas seis ca funciona como uma legislatuClaudia Sheinbaum, a pri- Haverá uma investigação dos dias depois, uma adolescente de lheres, saíram à rua numa manira paralela e de poder absoluto. 16 anos disse que um policial a festação que se dirigiu à sede da meira prefeita mulher eleita da casos e o Ministério Público reGrande parte da oposição boicoviolou num museu no centro da polícia da cidade e à procurado- Cidade do México, vê a manifes- solverá. Devido à gravidade do tou a votação de 2017, e a criação cidade. O agente em questão foi ria para protestar contra os dois tação como “provocação e não caso” a Comissão de Direitos Hudo organismo foi criticada em casos recentes e pedir justiça vamos cair nela. Eles queriam manos da Cidade do México vai detido na quinta-feira (8). todo o mundo por minar a demoCerca de 300 manifestan- para as jovens. A polícia“não pro- que o governo usasse métodos estar envolvida na investigação, cracia. (Fontes: AP/AFP/Reuters). tes, predominantemente mu- tege, mas viola”, dizia um cartaz. violentos e não vamos cair nisso. revelou. (Fontes: AP/Reuters).

Tribunal Supremo venezuelano suspende a imunidade de quatro deputados opositores

Manifestantes protestam no México e acusam policiais de abuso sexual de adolescentes

CIDADE DA GUATEMALA - O conservador Alejandro Giammattei, eleito no domingo (11) presidente da Guatemala, disse nesta terça-feira (13) que “não quer confrontos” com o presidente norte-americano, Donald Trump, mas exigiu “respeito”, numa entrevista coletiva ontem na capital do país. O novo presidente guatemalteco, que concorda ter “um caráter forte”, anunciou que “será respeitoso” nas suas relações com Trump mas que exige “reciprocidade” dele. ”Toda a diplomacia resume-se à reciprocidade, se (Trump) me respeita, eu o respeito, se me trata bem, eu o trato bem, se me trata mal, eu o trato mal”, avisou Giammattei, aos jornalistas citados pela agência noticiosa francesa AFP. Sem criticar frontalmente o polémico pacto migratório concluído no final de julho entre Washington e o governo do ex-presidente Jimmy Morales, Giammattei anunciou que o texto deverá ser submetido à aprovação dos parlamentares guatemaltecos. O acordo, visto por muitos como humilhante, imposto por Donald Trump sob a ameaça de represálias económicas e cujos termos não são claros, causou grande alvoroço na Guatemala. Para o presidente eleito da Guatemala, a questão migratória não é nova, mas “foi ampliada porque se tornou um tema de campanha política nos Estados Unidos”. “Eu entendo a posição do presidente Trump” na perspectiva da campanha para a sua reeleição, admitiu Giammattei. “Ele quer afirmar a imagem do homem que cumpre as suas promessas. Está bem, eu entendo, eu entendo o presidente Trump”, disse ele. A fim de manter no país os candidatos à emigração, Giammattei propõe desenvolver economicamente a área pobre da fronteira com o México, tanto do lado guatemalteco como do lado mexicano, criando um “banco de investimentos” sob a égide da Organização dos Estados Americanos (OEA). “Poderíamos criar um polo gigantesco de desenvolvimento que poderia beneficiar ambos os países”, disse Giammattei, anunciando que vai defender esse projeto na Cidade do México e em Washington durante o “período de transição”, já que tomará posse somente em 14 de janeiro de 2020.(Fontes: AP/AFP/Reuters). ESTEBAN BIBA/EFE

Giammattei exige respeito de Trump


A12

Mundo

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

MAU TEMPO, MORTES E ESTRAGOS

Número de mortos em tufão na China sobe para 49. Xangai em estado de alerta Lekima deveria atingir Xangai com ventos menos fortes na madrugada desta quarta-feira. Cerca de 300 mil pessoas foram retiradas da área metropolitana da cidade STR/AFP

Um deslizamento de terra deixou 18 mortos na comunidade de Wenzhou. Socorristas buscam corpos que podem estar enterrados sob os escombros

Tempestade tropical Krosa chega ao Japão amanhã ANDREWS MBONGO/REUTERS

TÓQUIO - Meteorologistas do Japão informam ontem (13) que a forte tempestade tropical Krosa se aproxima do oeste do país onde deve chegar nesta quinta-feira (15). A Agência de Meteorologia japonesa informou que a população da costa do Oceano Pacífico deve se preparar para fortes vendavais, ondas gigantes e chuva torrencial. O órgão prevê que os ventos atinjam velocidade aproximada de 110 quilômetros por hora, com rajadas de 160 quilômetros por hora na parte sul da região de Kyushu até esta quarta-feira. A expectativa é de que a chuva

venha a se intensificar a partir de amanhã (14). Segundo os meteorologistas, aguaceiros poderão ter continuidade mesmo após o afastamento da tempestade tropical e, em algumas áreas, poderá haver precipitação pluviométrica de 1.000 milímetros. Um grande número de pessoas no Japão está viajando nestas férias de verão. Os meteorologistas recomendam aos viajantes que verifiquem as informações mais atualizadas, com atenção especial para o clima tempestuoso, capaz de causar inundações e deslizamentos de terra. (Fontes:AP/AFP/Reuters).

Jã são 50 mortos por queimaduras e mais de 70 pessoas com ferimentos graves

Homem mata mulher e fere outra em Sydney, Austrália REPRODUÇÃO/AP

Mulher esfaqueada é socorrida e os médicos garantem que ela está “estável”

SIDNEY - Um homem atacou, com uma faca, duas mulheres em Sydney, na Austrália, nesta terça-feira (13). Uma das vítimas morreu e a outra está em condição “estável”, segundo veículos de imprensa locais. O suspeito já foi detido e identificado pela polícia, que já descartou tratar os incidentes como um ato terrorista.

A primeira vítima, de 21 anos, morreu em um apartamento próximo ao centro comercial da cidade. Depois, o suspeito saiu correndo pela rua e tentou atacar outras pessoas. A segunda vítima, uma mulher de 41 anos, foi então atingida. Ela foi levada para o hospital.

Imagens divulgadas por meios de comunicação australianos mostram um homem pulando em cima de um veículo com uma faca e aos gritos de “Allahu Akbar” (“Alá é grande”) e “Atirem em mim!” Antes de ser detido formalmente pela polícia, o suspeito foi contido por pedestres, que usaram cadeiras e um engradado de leite para segurá-lo até a chegada das autoridades. As imagens foram publicadas em redes sociais. A morte da primeira mulher, cujo corpo só foi encontrado depois que a polícia deteve o suspeito, está sendo tratada como um crime relacionado ao segundo ataque. O comissário de polícia de Nova Gales do Sul, Mick Fuller, disse que o autor dos ataques tinha

material em seu poder que sugeria que ele tinha “ideologias relacionadas ao terrorismo”, mas adiantou que não há nenhuma ligação aparente com organizações terroristas. Segundo o jornal “Sydney Morning Herald”, foram apreendidos um telefone e um pen drive contendo informações sobre massacres e atos violentos de supremacia branca nos Estados Unidos e na Nova Zelândia. A polícia afirmou que o suspeito, depois identificado como Mert Ney, de 21 anos, tem um histórico de transtornos mentais. Ele também foi levado para o hospital, com ferimentos leves, e deve enfrentar acusações depois de ser formalmente questionado. (Fontes: AP/AFP/ EFE/Reuters).

XANGAI - O balanço de vítimas do tufão Lekima na China subiu para 49 mortos e 21 desaparecidos nesta terça-feira (13), três dias após a sua passagem pela costa leste do país. O tufão, o mais violento da atual temporada, segue avançando em direção ao norte, segundo a agência Nova China. Ondas de vários metros de altura atingiram a costa da província de Zhejiang, sul de Xangai, na madrugada, em meio a ventos de até 187 km/h. Apenas um deslizamento de terra provocou a morte de 18 pessoas na ampla comunidade de Wenzhou, relatou a agência de notícias. A emissora CCTV mostrou imagens dos socorristas navegando de barco na cidade de Linhai, cujas ruas se encontram completamente cobertas de lama. A CCTV divulgou ainda imagens de torrentes de lama que desciam de uma montanha, uma estrada destruída, árvores desenraizadas e veículos atolados. Outros veículos de comunicação locais também exibiram as equipes de salvamento resgatando pessoas em botes infláveis. Na província de Zhejiang, cerca de 300 voos foram anulados, e os serviços de ferry e de trem, suspensos por precaução. Pelo menos um milhão de pessoas saíram de suas casas antes da chegada do tufão. Mais de 110 mil foram realocadas em abrigos temporários. Lekima deve atingir a região de Xangai com ventos

CHEGADA Na província de Zhejiang, cerca de 300 voos foram anulados, e os serviços de ferry e de trem, suspensos por precaução. Pelo menos um milhão de pessoas saíram de suas casas antes da chegada do tufão Lekima menos fortes, deixando de ser um “supertufão” para virar um “tufão”. As autoridades retiraram cerca de 300 mil pessoas da área metropolitana de Xangai, a capital econômica do país. As viagens de trem de levitação magnética que ligam a cidade a um dos seus aeroportos foram suspensas. A Disneylândia de Xangai também fechou suas portas, pela primeira vez desde a abertura do parque em 2016. O tufão já havia afetado Taiwan na sexta-feira (9), quando deixou nove feridos e milhares de casas sem eletricidade. Em setembro do ano passado, o tufão Mangkhut levou à saída de duas milhões de pessoas do local e à destruição significativa em Hong Kong e Macau. Na ocasião, 59 pessoas morreram nas Filipinas. (Fontes: AP/AFP/Reuters).

Aeroporto de Hong Kong reabre após novos protestos e cancelamento dos voos HONG KONG - O aeroporto de Hong Kong retomou suas operações ao amanhecer desta terça-feira, informaram as autoridades aeroportuárias, um dia depois de o tráfego aéreo ter sido interrompido quando milhares de manifestantes pró-democracia invadiram as salas de desembarque. “Retomamos os check-ins”, informou um porta-voz do aeroporto. Nos monitores informativos da zona de decolagens, anunciava-se o embarque imediato para vários voos, enquanto os demais mostravam os novos horários de partidas. Ao comentar o incidente, a chefe do governo local, Carrie Lam, declarou que “a violência, seja seu uso ou sua justificação, levará Hong Kong por um caminho sem retorno e afundará sua sociedade em uma situação muito preocupante e perigosa”. Todos os voos haviam sido cancelados na segunda depois que milhares de manifestantes invadiram a área de desembarque para protestar contra a violência

policial, em meio a uma mobilização sem precedentes que abala a ex-colônia britânica. Segundo a polícia, cerca de 5 mil manifestantes sentaram de forma pacífica no aeroporto para sensibilizar os viajantes, alguns carregando cartazes onde se lia: “Hong Kong não é seguro” ou “Vergonha da polícia”. Os manifestantes foram abandonando o aeroporto pouco a pouco durante a noite, sem a intervenção da polícia, e na manhã desta terça restavam apenas alguns poucos participantes do protesto. O fechamento do oitavo aeroporto mais movimentado do mundo, conhecido por sua eficácia, foi anunciado no momento em que o governo central chinês afirmou observar “sinais de terrorismo”no movimento de protesto nesta região semiautônoma. Em um comentário publicado esta madrugada, a agência Nova China considerou que o futuro de Hong Kong estava em um “momento crítico”. AP/AFP/EFE/Reuters). PHILIP FON/AFP

Comissários de bordo transitaram livremente pelo Aeroporto de Hong Kong


Variedades

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

A13

HÁBITO

Estudo mostra que 55% dos brasileiros evitam alimentos com trigo devido ao glúten Proteína é considerada muitas vezes uma vilã para os adeptos a dieta; 24% não restringiram o ingrediente da alimentação DIVULGAÇÃO

Uma pesquisa realizada pela Banca do Ramon, um dos mais tradicionais empórios de São Paulo, mostra que 55% dos brasileiros reduziram ou cortaram o consumo de trigo e derivados das refeições. O levantamento intitulado como “Hábitos alimentares dos brasileiros – preferências, dietas e tendências de consu-

COM GLÚTEN 24% dos entrevistados não restringiram o ingrediente da alimentação, mas afirmam que gostariam de fazê-lo

mo”, também mostra que 24% dos entrevistados não restringiram o ingrediente da alimentação, mas afirmam que gostariam de fazê-lo. Por um outro lado 19% acreditam que tal mudança é desnecessária, enquanto 2% limitaram o consumo de farináceos por serem intolerantes ao glúten. Seja para perder peso ou não, o glúten acaba se tornando um assunto muito controverso para os leigos, uma vez que, muitas pessoas defendem a restrição da proteína na alimentação, enquanto outros acreditam que só devem ser evitados em casos de intolerância. MAS O QUE DIZ A ESPECIALISTA? De acordo com a nutricionista consultora da Banca do Ramon, Nathália Gazarra, o glúten é uma proteína encontrada no trigo, no centeio, na cevada e no malte. “O glúten é composto por duas proteínas chamadas gliadina e glutenina, que têm a propriedade de entrelaçar-se formando uma espécie de rede que retém o ar dando estrutura macia

Glúten é composto por duas proteínas chamadas gliadina e glutenina

às massas. É o glúten que responde à ação do fermento, fazendo o pão crescer e se transformar, ganhando consistência única. Sem eles, a elasticidade e a textura das massas, bolos e pães nunca seria possível”, explica. Hoje em dia, o glúten é considerado um vilão para muitas dietas, principalmente para aquelas pessoas que desejam emagrecer. “Muita gente não procura nenhum médico ou um

nutricionista e acaba cortando todos os alimentos que contém a proteína. A medida pode resultar em um emagrecimento ou melhora da qualidade da alimentação, mas isso não está relacionado ao corte de glúten, mas, sim, da restrição como um todo”, completa Gazarra. DOENÇA CELÍACA A doença celíaca afeta o intestino delgado de adultos e crianças geneticamente predis-

postas, ocasionada pela ingestão de alimentos que contém glúten. A patologia causa atrofia das vilosidades da mucosa do intestino, causando prejuízo na absorção dos nutrientes, vitaminas sais minerais e água. No caso de pessoas celíacas, o glúten deve ser totalmente cortado da alimentação. Essa condição é considerada uma doença crônica, pois não tem cura, mas tem a possibilidade de ser amenizada.

Entre os principais sintomas estão, a diarreia, dificuldade no desenvolvimento (no caso das crianças), fadiga, fraqueza, emagrecimento, flatulência, inchaço, distensão abdominal, alterações emocionais e vômitos. INTOLERÂNCIA AO GLÚTEN A intolerância ao glúten é facilmente confundida com a doença celíaca, no entanto, esses dois problemas possuem DIVULGAÇÃO

No caso de pessoas celíacas, o glúten deve ser totalmente cortado da alimentação

condições diferentes. Enquanto a doença celíaca é uma inflamação na mucosa intestinal, a intolerância é a dificuldade na digestão da proteína. Desta forma, a intolerância ao glúten é conhecida clinicamente como sensibilidade ao glúten não celíaca. Contudo, apresentam sintomas parecidos e apenas os exames podem mostrar o diagnóstico, porém, a restrição na alimentação se aplica nos dois casos. QUEM NÃO POSSUI INTOLERÂNCIA DEVE EVITAR GLÚTEN? Segundo a nutricionista o ideal é ter uma alimentação equilibrada, pois o problema está no consumo exagerado dos alimentos farináceos, como pães, massas e bolos. Afinal, não adianta cortá-los e substitui-los por tapioca, massas ou pães sem glúten e tubérculos, como batata doce e mandioquinha, por exemplo. Pois, esses alimentos fazem parte do grupo dos carboidratos, portanto, possuem o mesmo valor calórico. Mas, ela faz um alerta para as pessoas que tiram totalmente os carboidratos da alimentação na tentativa de emagrecer. “Há também aqueles que tiram todo o carboidrato da alimentação para evitar o glúten. Porém, os carboidratos também são importantes, pois eles são fonte de energia, então, corta-los é extremamente prejudicial. Até porque nosso cérebro para funcionar corretamente precisa de uma quantidade mínima de carboidratos. Portanto, é errado elimina-los da dieta, se houver necessidade de cortar o glúten, o nutricionista irá orientar quais alimentos devem ser evitados e substituídos”, finaliza Gazarra.


Social

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

BOA VISTA, QUARTAFEIRA, 14 DE AGOSTO DE 2019

Fotos: Reprodução/Instagram

Dá um orgulho danado ver essa linda conquistando o mundo. Além de muito inteligente a Ananda Henklain é super engajada nas questões político-sociais e especialmente no que diz respeito aos direitos humanos. Uma legítima representante dessa geração empoderada e consciente!

Desculpa a empolgação, mas era nesse tanquinho que a gente queria lavar roupa! Brincadeiras à parte, adoramos conhecer o perfil do Anderson Lucena. O moço cultiva hábitos saudáveis e foi assim que conseguiu chegar nesse shape digno daquelas revistas esportivas.

Tem dias que a gente acerta tudo numa letra só, então pra fechar essa lista de gente maravilhosa com a letra A, contemplem esse carão poderoso da querida Aline Macena. Ela é produtora da TV Imperial e sempre arrasa nos clicks e nos look. Tem nosso like garantido.

É estudante de administração ou designer gráfico? Se liga que tem vaga de estágio aberta pra você. O Senac Roraima vai contratar estagiários nessas áreas e vale muita a pena aproveitar a oportunidade porque além de exercer a prática da profissão, o estágio é sempre porta de entrada para o mercado de trabalho. Aproveite!

Adoramos descobrir as sardinhas da Amanda Muller. A moça é especialista em Recursos Humanos e tem um rosto tão lindo que parece uma bonequinha.

Aniversariante do Dia

Danielle Alves

Renato Poeske

Chegou a hora mais iluminada do dia, aquela em que você confere a nossa lista recheadas de gente querida que faz aniversário hoje. Parabéns a todos!

Morgana Botelho

Érick Matos

Yakaw Nunes


Esporte Local A15

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

ELENCO

Vivaz escolhe seis atletas em seletiva para elenco que vai jogar Taça Brasil Júlio Cesar, Iago Cruz, Valter Angelo, Matheus Vital, Alessandro Rêgo e Ruan Souza foram os escolhidos Arquivo Pessoal/Vivaz

NAILSON ALMEIDA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

O Esporte Clube Vivaz realizou uma seletiva no último fim de semana para escolher alguns garotos para preencher o elenco da equipe Sub-17 que irá disputar a Taça Brasil de Clubes de Futsal. Na peneira, participaram mais de 50 atletas, mas apenas seis deles foram selecionados para fazer parte do time. Agora os escolhi-

OPINIÃO Conforme o presidente e técnico do Vivaz, Osmar de Matos Junior, apesar de muitos garotos terem participado da seletiva, não foi difícil observar aqueles que conseguiram se destacar um pouco mais dentro de quadra Os escolhidos irão apenas esperar até o dia 26 de agosto para se juntar ao restante do elenco

dos irão apenas esperar até o dia 26 de agosto para se juntar ao restante do grupo para iniciar a preparação para competição. Os atletas selecionados foram, os alas Júlio Cesar Pereira dos Santos e Iago Victor Cruz de Souza. Os fixos Valter Angelo de Oliveira Barros e Matheus da Costa Vital. Além de Ales-

sandro Rêgo Cacheado Filho que joga como ala e pivô, e outro que também atua em duas posições é Ruan Manoel Souza Barbosa, fixo e ala. Conforme o presidente e técnico do Vivaz, Osmar de Matos Junior, apesar de muitos garotos terem participado da seletiva, não foi difícil observar aqueles que

conseguiram se destacar um pouco mais dentro de quadra. Agora o treinador espera que os jogadores possam evoluir ainda mais quando iniciarem os treinos de olho na competição nacional. “A escolha dos garotos não foi tão difícil, até porque eles conseguiram fazer uma boa seletiva. Alguns desses

atletas a gente já conhecia porque eram de outros clubes. Agora a expectativa é muito boa, porque vai gerar competitividade nos treinamentos e consequentemente vamos ter um processo de evolução ainda mais rápido para essa competição que temos pela frente. A gente tem tudo para fazer uma

boa disputa e se esses meninos abraçarem o projeto e treinarem com afinco necessário para gente evoluir nesses dias” destacou. A Taça Brasil de Clubes de Futsal Sub-17 só ocorre entre os dias 21 e 26 de outubro, na cidade de Anápolis-GO. O Vivaz é o representante roraimense na

competição nacional após conquistar o título da Taça Roraima de Futsal Sub-17 em 2018. Quanto a tabela com os confrontos, a Confederação Brasileira de Futebol de Salão (CBFS) ainda não divulgou. O time Alviazulino pretende levar um total de 15 jogadores para a disputa.

APABV realiza Clínica de Natação para atletas e acadêmicos de Educação Física NAILSON ALMEIDA

jornalismo@roraimaemtempo.com.br

A Associação Aquática de Pais e Atletas de Boa Vista (APABV) vai realizar uma Clínica de Natação, do dia 17 a 21 de setembro. O evento exclusivamente destinado aos atletas da APABV e a estudantes de Educação Física. As palestras serão na Associação de Oficiais Policiais e Bombeiros Militares (ASSOBPM). O curso terá a carga horária de 60 horas e o valor da inscrição custa apenas R$ 20. A Clínica terá como palestrantes o técnico Yorran Greco, da APABV. Ele que também no mês de junho de 2019 trabalhou como auxiliar técnico da Seleção Brasileira de Natação na Copa Pacífico, realizada em Lima, no Peru. Da competição também participou a nadadora Kaylane Greco, irmã do treinador. Outro que também irá marcar presença no evento será o técnico amazonense Leandro Freire, atualmente trabalha como treinador no Instituto Pedro Nicolas, no Amazonas. A equipe de natação da entidade é considerada atualmente a melhor do Estado e da Região Norte. Freire que também fez parte da comissão técnica da Seleção Brasileira na Copa Pacífico. Conforme o organizador do evento, o técnico Yorran Greco, o público alvo são os

universitários. “Nosso intuito com esse evento é a gente tentar trabalhar com os acadêmicos de Educação Física

que se motivem a virem para a área da natação. Então teremos o professor Leandro Freire como palestrante, ele que

tem alguns atletas medalhistas em competição nacionais. Então é uma pessoa renomada na Região Norte, Nordeste

e no Brasil. Então será um curso muito bom”, disse. Aos interessados em participar do evento, basta entrar

em contato pelo telefone (95) 99118 2666, falar diretamente com o organizador da Clínica, Yorran Greco. Arquivo Pessoal

Yorran Greco foi auxiliar técnico da Seleção Brasileira durante a Copa Pacífico de Natação, no Peru.


A16

Esporte Nacional/Editais

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

REFORÇO

‘Orgulho muito grande’, diz Rogério Ceni ao ser apresentado oficialmente no Cruzeiro Rogério deixou o Fortaleza no último domingo e assinou um contrato com a equipe celeste até dezembro de 2020 Cruzeiro/Divulgação

Após desembarcar no Aeroporto de Confins, ontem, Rogério Ceni foi oficialmente apresentado como técnico do Cruzeiro. O comandante já conheceu a estrutura da Toca da Raposa e fez o primeiro treina ainda ontem. Rogério deixou o Fortaleza no último domingo e assinou um contrato com a equipe celeste até dezembro de 2020.

DESAFIOS Neste segundo semestre do ano, Ceni terá como desafio tira o time da incômoda 17ª colocação do Brasileiro, além de manter vivo o sonho de conquistar a Copa do Brasil

O presidente Wagner Pires de Sá introduziu a apresentação antes de Ceni tomar a palavra. “Falar do Rogério seria como ler um livro muito grosso e com muitas páginas de vitórias, conquistas, responsabilidades. Demandaria muito tempo. Então eu me limito a agradecer o Rogério por defender as nossas cores, que você já elogiou no aeroporto. Esperamos que a gente acrescente mais páginas nesse livro grandioso que você vem escrevendo. A escolha não foi só da

diretoria, mas dos jogadores, comissão técnica e desses quase 10 milhões de torcedores que nos representam”, disse o presidente. Em seguida, Ceni concedeu as primeiras palavras no novo clube: “Para mim é uma honra, um orgulho muito grande, um clube que enfrentei muitas vezes, que me tirou títulos. Quem sabe a gente possa vencer. Só tenho a agradecer, camisa linda, clube também, espero corresponder às expectativas e fazer o Cruzeiro subir na tabela de classificação”, iniciou. Neste segundo semestre do ano, Ceni terá como desafio tira o time da incômoda 17ª colocação do Brasileiro, além de manter vivo o sonho de conquistar a Copa do Brasil. A partir de agora, o treinador terá três semanas antes da partida contra o Internacional. A semifinal do torneio e a possibilidade de ganhar um título que não teve como jogador também motivou Ceni a embarcar no novo desafio. “Talvez esse tenha sido um dos grandes fatores que tenha me trazido aqui. Não se joga fora a oportunidade de ser campeão quando se trata de Cruzeiro. Vamos tentar nos reencontrar nessa competição e, principalmente, no Campeonato Brasileiro. Isso aqui é um momento mágico na carreira de qualquer pessoa, de poder chegar num clube como o Cruzeiro, bicampeão da Copa do Brasil. Temos esse jogo contra

o Inter, em Porto Alegre, com todas as dificuldades, favoritismo pelo resultado do primeiro jogo”, acrescentou. Conversa com o elenco “O mais importante é que eles se sintam bem e felizes. É um paraíso poder trabalhar num centro de treinamento como esse. A maioria deles tem uma história aqui dentro. Quem já foi campeão sabe o caminho. É uma questão de atitude, foco. Quem ganhou uma vez na vida não esquece o sabor. O sabor da vitória é incomparável”. Crise administrativa fora de campo “Pelo que vi, pela maneira como os jogadores falaram, vejo um ambiente extremaTreinador deixou o Fortaleza e assinou com o Cruzeiro até dezembro de 2020 mente saudável. Eu sou técniPREFEITURA MUNICIPAL DE CARACARAÍ AVISO DE LICITAÇÃO DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 036/2019

co do Cruzeiro, minha função é dentro das quatro linhas. Até agora não vi nada que pudesse atrapalhar os atletas. São coisas distintas, eu acho. Estou chegando agora e não tenho uma noção exata do que se passa. Mas vamos nos preocupar com o dentro de campo”. Interromper trabalho no Fortaleza “Para mim é um pouco angustiante. Do mesmo jeito que me deixa triste a saída de lá, mas muito feliz. Conhecendo melhor a estrutura aqui dentro, é o que o treinador quer para trabalhar. Lamento, mas ao mesmo tempo fico extremamente honrado com a oportunidade. Nós estamos no Cruzeiro. Por: UOL/Esporte

ESTADO DE RORAIMA PREFEITURA MUNICIPAL DE IRACEMA “Amazônia Patrimônio dos Brasileiros” EXTRATO DO CONTRATO

A PREFEITURA MUNICIPAL DE CARACARAÍ com sede na Praça do Centro Cívico, s/nº, Centro, Nesta cidade, divulga e publica aos interessados, que realizará Processo Licitatório na modalidade Pregão Presencial nº 036/2019, do tipo Menor Preço “lote”, para contratação de empresa para prestação de serviços na área de tecnologia da informação, a fim de atender a Administração Municipal. O certame será dia 27/08/2019 às 09hrs:00min, na sede da Prefeitura Municipal de Caracaraí. O Edital Poderá ser adquirido no site do município: http://www.caracarai. rr.gov.br/ e maiores informações junto ao Setor de Licitações, na Praça do Centro Cívico, s/nº, Centro, Caracaraí/RR, ou pelo e-mail cpl.caracarai@gmail.com das 8h00min às 14h00min, nos dias úteis.

A Prefeitura Municipal de Iracema, em cumprimento ao disposto da Lei federal 8.666/93 de 21 de junho de 1993, - torna se público o extrato do contrato cujo o objeto: contratação de empresa de engenharia especializada em obras e serviços para pavimentação de ruas com drenagem, acessibilidade, calçadas meio fio e sarjetas em vias urbanas na sede do Município de Iracema-RR, oriundo do processo nº 089/2019 TOMADA DE PREÇOS 004/2019 VALOR R$ 2.984.134,83 e a empresa: NR CONSTRUÇÕES LTDA -CNPJ No 07.134.248/0001-94.

Caracaraí/RR, 13 de agosto de 2019.

Iracema/RR 13 de Agosto de 2019.

MARIA RAQUEL MENEZES DE OLIVEIRA Secretária Municipal de Administração

JAIRO ANDRE RIBEIRO SOUSA prefeito


Polícia A17

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

VIOLÊNCIA

Esqueleto humano encontrado em buritizal no Cidade satélite pode ser de mototaxista Familiares de Daniel da Silva dos Santos, que está desaparecido desde o dia 4, reconheceram as roupas encontradas DIVULGAÇÃO

NONATO SOUSA

acredita que a vítima tenha sido decapitada.

Um cadáver masculino em estado avançado de decomposição, praticamente só o esqueleto, foi encontrado no fim da manhã dessa terça-feira (12), em meio a um buritizal no bairro Cidade Satélite, zona Oeste de Boa Vista. Familiares do mototaxista Daniel da Silva dos Santos, 28, que está desaparecido desde o dia 4 deste mês, reconheceram as roupas encontradas no local e afirmaram ser ele.

FACÇÃO O caso está sob investigação da Polícia Civil e a principal suspeita é de que se tratou de uma execução feita por integrantes de uma das facções criminosas que atuam dentro e fora dos presídios. Até o fim do dia de ontem nenhum suspeito do crime foi preso ou identificado, nem a motocicleta da vítima foi encontrada.

nonatosousa@roraimaemtempo.com.br

DOCUMENTO Junto à roupa, os policiais encontraram o documento de identidade do mototaxista, o que corrobora com a afirmação da família Junto à roupa, os policiais encontraram o documento de identidade do mototaxista, o que corrobora com a afirmação da família. Embora as informações indiquem que o esqueleto seja mesmo de Daniel Santos, a confirmação oficial será feita pela equipe de peritos odontolegistas do Instituto de Medicina Legal (IML), para onde o esqueleto foi removido. O perito odontolegista Rodrigo Matos falou com o Roraima em Tempo e informou que iniciou o procedimento de identificação ainda ontem e hoje

Esqueleto foi encontrado no final da manhã dessa terça-feira por jovens que caminhavam pelo local

Familiares de Daniel Santos reconheceram roupa que estava no esqueleto

deve concluir. O trabalho é feito através do exame da arcada dentária, em comparação com fotos do mototaxista sorrindo, ou outras informações odontológicas que a família apresentar como “radiografias, modelo de gesso e prontuário de atendimento

comprovada por meio da arcada dentária ainda nesta quarta-feira a família deve receber os restos mortais do mototaxista para fazer o velório e sepultamento.

odontológico, que Santos tenha se submetido”. Ainda sim, caso não seja possível a confirmação da identidade por esse processo, somente o exame de DNA poderá confirmar se a ossada é ou não da vítima em questão. Porém, caso seja

CASO O esqueleto humano foi

encontrado por alguns jovens que estavam andando pelo local. À tarde, eles compartilharam em rede social um vídeo feito do local, momento em que o localizaram. O crânio foi encontrado separado do restante do esqueleto e a polícia

Presidiário suspeito de furtar roçadeira em Caracaraí é detido e vai responder em liberdade DIVULGAÇÃO

O presidiário Jefferson Barreto dos Santos, 26, apelidado de “Pulga”, que segundo informações de policiais cumpre prisão domiciliar, foi detido no início da semana em Caracaraí, Sul de Roraima. Ele é suspeito de furtar uma roçadeira e deve responder ao inquérito em liberdade. O furto da roçadeira ocorreu na manhã de domingo (11) e na tarde de segunda-feira (12), quando faziam patrulhamento pelas ruas da cidade de Caracaraí, policiais da Força Tática foram parados pela vítima que falou sobre o furto do equipamento no dia anterior e informou que viu a roçadeira com um venezuelano. A equipe policial localizou o estrangeiro com o equipamento e ao ser questionado a origem da roçadeira, que informou ter comprado de Jefferson Santos. Logo depois, os policiais localizaram o presidiário e conduziram os dois até a Delegacia de Polícia Civil de Caracaraí, para que fosse adotada a medida cabível ao caso. De acordo com um agente, o venezuelano é conhecido na cidade pelo trabalho de capina e limpeza de terrenos, e teria comprado a

De acordo com a polícia, depois de furtar a roçadeira no domingo Jefferson vendeu a um venezuelano

roçadeira de boa fé para usar no trabalho sem saber que era produto furtado. Porém, contra ele foi feito um flagrante de receptação culposa, mas logo depois foi liberado e vai responder ao processo em liberdade. Já contra ‘Pulga’ foi instaurado inquérito policial por furto qualificado e vai responder ao procedimento policial

em liberdade já que não foi preso em flagrante. A roçadeira foi apreendida e restituída ao proprietário ao final do procedimento policial na delegacia de Polícia Civil de Caracaraí, para onde Santos e o venezuelano foram conduzidos na segunda-feira.

ma em Tempo apurou nessa terça-feira que de acordo com o relato da vítima à polícia, o furto foi registrado pelas câmeras de vigilância eletrônica instalada em sua casa e as imagens seriam disponibilizadas para corroborar com a investigação da Polícia Civil.

CASO A reportagem do Rorai-

CRIME ORGANIZADO Ainda de acordo com

informações complementares da polícia sobre o presidiário, Jefferson ‘Pulga’ cumpre pena por roubo e é batizado em uma das duas facções criminosas que atuam dentro e fora dos presídios de Roraima praticando crimes. “Ele passou três anos preso no regime fechado e há pouco mais de um ano está fora do presídio”, frisou um agente.

DESAPARECIMENTO Sobre o desaparecimento do companheiro, a mulher de Daniel Santos disse na semana passada que a última vez que o viu foi por volta das 15h30 daquele domingo (4), quando saiu de casa dizendo que ia para um posto de combustíveis, no bairro Santa Teresa. Mais tarde, por volta das 19h ela voltou a falar com o companheiro pelo celular e o mototaxista disse que continuava no posto esperando alguma corrida e que “umas 8h ia fazer uma corrida pro Santa Teresa mesmo, dai não tive mais contato com ele”, disse. A mulher registrou boletim de ocorrência do desaparecimento do mototaxista e a Polícia Civil confeccionou um cartaz com a foto e informações sobre ele, mas até essa terça-feira, dez dias depois do desaparecimento não tinham informações do possível paradeiro de Santos, até a localização do esqueleto humano no buritizal, que pode ser dele. Sobre o que poderia ter motivado o desaparecimento do companheiro e a mulher não informou.

Motocicleta roubada é encontrada coberta por folhas de bananeira Uma motocicleta roubada foi recuperada na noite de segunda-feira (12), por policiais militares. O veículo modelo CG Titan vermelha de 160 cilindradas, placa NAU 6946, foi encontrado no quintal de uma casa em construção coberto por folhas de bananeira, na Rua Peru, no bairro Cauamé, zona Oeste de Boa Vista. Conforme os policiais, a equipe fazia patrulhamento pelo bairro quando foram informados da motocicleta possivelmente roubada escondida no local. Logo depois de localizarem o veículo foi feito contato com o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) e através da placa confirmaram a restrição de roubo. O proprietário da motocicleta foi contatado e ficou de comparecer na delegacia para providenciar a restituição do veículo. Os policiais recolheram a CG e entregaram no Plantão Central da Polícia Civil, no prédio do 5º Distrito Policial. Nessa terça-feira a reportagem apurou que o delegado despachou a ocorrência para a delegacia especializada de roubo e furto de veículos da PC para investigar o caso.


A18

Polícia

Boa Vista, quarta-feira, 14 de agosto de 2019

NUMA INVASÃO

Arma de fabricação americana é achada em barraco na zona Oeste de Boa Vista Militares foram a uma área de invasão, já no bairro Cidade Satélite, momento em que duas pessoas saíram correndo do barraco Divulgação/PM

NONATO SOUSA

nonatosousa@roraimaemtempo.com.br

Uma carabina .30 de fabricação americana, coronha retrátil, e uma cápsula de munição de cobre, calibre 20, foram apreendidas na segunda-feira (12) por policiais do 2º Batalhão da Polícia Militar. Os agentes faziam atendimento ocorrência de rou-

OUTRA ARMA Um simulacro de pistola foi apreendido na noite de segunda-feira com o desempregado Paulo Costa Melo, 26 anos, ao ser abordado no bairro Senador Hélio Campos

bo de motocicleta e uma bolsa feminina com os documentos da vítima e um celular, no bairro Caranã. Os agentes militares informaram que faziam policiamento pelo bairro, quando a vítima foi ao encontro deles e contou sobre o roubo com uso de arma de fogo. Disse ainda que o localizador do celular estava indicando o último endereço, no bairro União, divisa com o bairro Cidade Satélite, ambos na zona Oeste da cidade. Com apoio do Departamento de Informação e Inteligência, a equipe seguiu ao endereço indicado pelo GPS do celular roubado. Os policiais revistaram o local, mas o celular não foi encontrado. Em segui-

Armamento foi apreendido e caso será investigado pela Polícia Civil através dos agentes do 3º Distrito Policial

da, os militares foram a uma área de invasão, no final das ruas R e P, já no bairro Cidade Satélite, momento em que duas pessoas saíram correndo de um barraco e desapareceram. “O local é de difícil acesso e ainda realizamos buscas numa pequena mata na tentativa de capturar outros indivíduos, mas nenhum suspeito foi preso ou identificado. Logo depois, voltamos ao barro de onde os

dois suspeitos fugiram e encontramos a carabina. Nenhuma pessoa que mora no barraco foi encontrada nem identificada”, informou a equipe policial. A reportagem apurou ontem que como nenhum suspeito foi preso ou identificado, o caso será repassado ao 3º Distrito Policial para investigar. A suspeita dos policiais é de que a arma entrou pela Venezuela e estava sendo usada

para a prática de crimes. SIMULACRO Um simulacro de pistola foi apreendido na noite de segunda-feira com o desempregado Paulo Costa Melo, 26 anos, ao ser abordado no bairro Senador Hélio Campos. De acordo com os PMs, no dia 8 de agosto ele foi acusado de ameaçar dois venezuelanos com uma arma de fogo, porém, naquela oca-

sião, Melo não foi localizado. “Nesta noite [segunda-feira], quando estávamos em policiamento pela Rua Jardim Babilônia, no bairro SHC e o abordamos, parado próximo da fábrica de sapatos. Ele foi reconhecido e confessou a ocorrência de ameaça no mês passado. Disse que ameaçou os venezuelanos com o simulacro, devido a uma confusão anterior”, destacou a equipe.

DIVULGAÇÃO

Casal fica ferido e cavalo morre após acidente de trânsito na BR-174 Mais um acidente de trânsito provocado por um animal domesticado na BR-174 foi registrado pela Polícia, e por pouco não provocou a morte dos ocupantes de dois veículos, um casal que mora município de Caracaraí e vinha para Boa Vista. O acidente no início da manhã dessa terça-feira, próximo à cidade sede do município de Iracema, momento em que um cavalo de uma fazenda que

fica na margem da rodovia federal saiu do curral e já na pista foi atingido pelo veículo do casal, uma picape Strada. Devido ao impacto frontal e violento, o animal morreu na hora. O condutor da picape, Sidney Barata perdeu o controle da direção do veículo que saiu da pista e desceu o acostamento e parou em meio à vegetação. Barata e a mulher Leida Alves, escaparam sem ferimentos DIVULGAÇÃO

Com o impacto violento o cavalo morreu na hora; Picape ficou bastante avariada

graves. Ela alguns pequenos cortes provocados por estilhaços de vidro e ele quebrou o nariz e chegou a desmaiar, segundo informou sua nora Adriana Dias, a reportagem do Roraima em Tempo. “Era por volta de 5h30. Eles iam para Boa Vista e estavam a cerca de 10 km da cidade de Iracema. Havia aproximadamente dez cavalos na estrada, segundo testemunhas, quando um deles entrou na frente do carro e bateu”, contou Adriana Dias. Ainda de acordo com a nora, um taxista intermunicipal que passava pelo local levou seu sogro hospital de Iracema. Outro taxista informou os familiares das vítimas sobre o acidente e a mulher de Barata ficou aguardando a chegada dos parentes. “Eu e meu esposo buscamos minha sogra e levamos ao hospital onde meu sogro estava sendo atendido, momento em que o médico decidiu encaminhá-lo para o HGR [Hospital Geral de Roraima]. Ele fraturou o nariz”, relatou, ao acrescentar que depois de receber atendimento médico Leida Alves

foi liberada. Ainda de acordo com a nora, o sogro passou por procedimento médico no hospital em Boa Vista e ontem mesmo foi liberado. “Agora todos passam bem em casa”, frisou Adriana. Ela acrescentou que o proprietário do cavalo já entrou em contato com a família para discutir os danos materiais causados pelo animal. CRIME O delegado Luciano Silvestre, da Delegacia de Polícia Civil de Iracema falou com a reportagem sobre o caso e informou que o dono do animal pode responder por contravenção penal “abandonar em via pública animal de tiro, carga ou corrida, previsto no artigo 31 da Lei das Contravenções Penais”. Porém, o delegado ficou aguardando que as vítimas ou algum parente fosse registrar o boletim de ocorrência informando em que circunstância ocorreu o acidente e quem são as vítimas para iniciar o procedimento policial (inquérito).

Melo foi conduzido à delegacia, porém acabou liberado na mesma noite. No despacho o delegado de plantão informou que “o porte de arma de brinquedo não configura crime”, por isso decidiu pela liberação do desempregado. Acrescentou que como o crime de ameaça é passado e necessita de representação da vítima, o que não foi feito, não poderia manter o suspeito detido.

A foto do jovem estrangeiro foi compartilhada em rede social na manhã dessa terça-feira, à tarde ele foi detido em via pública no bairro 13 de Setembro

Venezuelano que se exibiu com suposta arma em rede social é detido pela PM Um venezuelano de 17 anos, que publicou foto em rede social se exibindo com uma suposta arma, foi detido na tarde dessa terça-feira por policiais militares, no bairro 13 de Setembro, zona Sul de Boa Vista. Os policiais procuraram pela suposta arma, mas ela não foi encontrada. Durante a ação, o adolescente desacatou os policiais e foi detido. Ele e um irmão maior de idade foram conduzidos ao 1º Distrito da Polícia Civil, onde o delegado formalizou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por desacato. Ao delegado, o menos

afirmou que a suposta arma é mesmo um simulacro e disse que a foto foi tirada na Venezuela, antes de vir para Roraima, numa pousada na cidade de Santa Elena. Alegou ainda que o simulacro é de um amigo que ficou no país vizinho. O jovem é suspeito de envolvimento com roubo, mas nenhuma vítima foi ao distrito para fazer o reconhecimento, e no fim da tarde após a conclusão do TCO o adolescente e o irmão foram liberados pelo delegado. Os dois informaram que estão morando na Rua em Boa Vista.

Profile for RoraimaEmTempo

Jornal Roraima em tempo – edição 1299  

Jornal Roraima em tempo – edição 1299  

Advertisement