Page 1

2 2ª

E d ição

-

Ano

V I

-

R $

7 ,0 0

-

ww w.revi s t a ze l o . c o m . b r

Entrevista Depois de deixar as passarelas, ex-modelo Cláudia Liz se dedica à família e ao trabalho de empresária

Arquitetura Projetos arrojados transformam cozinhas em espaço nobre da casa

Zelo Destino Prédios históricos, praias e casas de jogos são algumas das surpresas que o aguardam no Uruguai

Moda

Grandes divas inspiram looks para você brilhar nas festas


2


3


4


5


^

6


7


Editorial

Rosângela Motta

U

m poema de Drummond define bem a passagem do Ano Novo: “Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente.” Realmente, a entrada do ano nos proporciona um sentimento de renovação e de esperança. Para nós, da Zelo, o clima é também de celebração. Com a nossa vigésima segunda edição, chegamos ao sexto aniversário. Desde as primeiras reuniões, em que definíamos as linhas do projeto gráfico da revista, um bom tempo se passou. Um prazer enorme ver a Zelo crescendo, renovada, linda, se reciclando sempre. Aliás, renovação é o que também norteia os nossos entrevistados. A ex-modelo goiana Cláudia Liz é um bom exemplo. Aos 42 anos, ela nos conta sua história, reflete sobre a mudança de carreira e suas atuais paixões, a família e o trabalho como empresária. Conversamos também com Vic Meirelles, o flower designer das celebridades. Ele ensina como produzir arranjos refinados a partir da mistura de materiais. Na seção Casa Zelo, uma matéria sobre cozinhas planejadas. Você vai constatar o quanto esse ambiente evoluiu e hoje apresenta uma estética de bom gosto e modernidade. Ainda na seção Casa Zelo, uma matéria sobre automação residencial. Mostramos o projeto de personalização do músico Mateus, que faz dupla sertaneja com Jorge. Mas isso não é tudo. Apresentamos ainda a cobertura da terceira edição do Fórum de Design, realizada no Teatro Sesi. Esta nova edição traz também um ensaio de François Calil, que tem como cenário o Palácio da Música, no Centro Cultural Oscar Niemeyer. E para quem vai à Europa, Roberta Brum dá dicas preciosas. A Zelo também leva você para o agito de Montevidéu, cidade onde o provinciano e o cosmopolita se misturam de forma surpreendente. E mais: colunas Beleza, Bendita Gula, Carros, Zelo Indica, Produção Cultural, Agenda Verde, Só para Homens, High-Tech e CTRL. Enfim, como bons merecedores, depois de cruzar os 12 meses de trabalho e da correria do dia a dia, fechamos o ano inspirados em nosso grande poeta “...com outro número, outra vontade de acreditar...”

Que a Zelo continue levando informação com qualidade e charme. Muito obrigada à equipe, colaboradores, parceiros e amigos.(Rosângela Motta) Ângela Motta

expediente • • • • • • • • 8

Edição Geral Rosângela Motta Edição Ranulfo Borges Edição de Fotografia Ângela Motta Tratamento de Imagens Adilson Moraes Diagramação Juliano Rodrigues Revisão Fátima Tolêdo Projeto Gráfico Carlos Sena Estagiária Hannah Motta

• • •

Jornalista Responsável Astero Motta (JP - 2233) Zelo em Brasília Kell Motta (61) 9915 5115 Impressão Gráfica Formato

Motta Editora Ltda Telefone: (62) 3259 6510 www.revistazelo.com.br redacao@revistazelo.com.br Rua T-36 nº 695, Sl. 506, Ed. Aquarius Center - CEP.: 74.223-055 St. Bueno - Goiânia-GO

Colaboradores: Ranulfo Borges, Pablo Kossa, Roberta Brum, Sandro Torres, Osmar Régis, Eliane Santolin, João Camargo Neto, Alice Galvão, Juliano Rodrigues, Andrea Regis, Gustavo Moura, François Calil, Ricardo Lima, Daniel Almeida, William Hanna, Nathália Fiorotto, Fátima Tolêdo, Reggie Moraes, Fernando Rodrigues, Izabelle Capuzzo, Igor Leonardo e Evando Filho.

A Revista Zelo não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nas colunas e artigos assinados por seus colaboradores e não tem vínculo empregatício com os mesmos.


“A

primavera chegará, mesmo que ninguém mais saiba seu nome, nem acredite no calendário, nem possua jardim para recebê-la.” Esta frase de Cecília Meirelles já está incorporada no clima da redação. Para nós, a primavera chega alegre, florida, delicada e com boas novidades. Nesta edição, trazemos o especial Mostra Época 2012, que agora faz parte, definitivamente, do calendário de eventos da Capital. A exposição apresenta em sua versão 2012 peças de lançamento, design assinado e obras de arte. E por falar em novidade, a revista traz ainda o especial GO Fashion, com tudo o que aconteceu na passarela da moda goiana. Quem nos visitou no lounge Zelo, durante o evento, foi o estilista Walter Rodrigues. Na entrevista, ele revelou que, mais do que acompanhar tendências, as pessoas gostam de ter acesso a peças que se adéquem e representem seu estilo de vida. Você ainda vai conhecer um pouco da história do maquiador Dula Molinos. Segundo ele, a moda evoluiu para um momento em que se pode tudo, sem se precisar de muito. Frash também são as flores, que desabrocharam no nosso editorial de moda produzido pela Plie Design e fotografado por Ivan Erick. Também recheia este número um guia dos melhores spots de turismo. Nas sugestões de viagens, os empresários Alexandre Caramashi e Patrícia Pessoa contam sobre o giro que fizeram pela Suíça, Mônaco e Itália. E mais: uma deliciosa matéria sobre a Colômbia, um país com uma diversidade geográfica surpreendente. Em busca de equilíbrio? Então não deixe de ler a matéria com a psiquiatra Ana Beatriz Barbosa Silva, que relata sobre os transtornos de ansiedade e ensina como trabalhar mente e corpo em busca de uma vida mais feliz. E ainda muita informação sobre beleza, estilo, gastronomia, carros, artes e lugares para você se deleitar. Enfim, uma revista charmosa e necessária para quem quer estar antenado com as últimas novidades. Enjoy!

9


Colaboradores Ranulfo Borges

Alice Galvão

João Camargo Neto

roberta brum

sandro torres

Eliane Santolin

Osmar Régis

gustavo moura

hannah MOTTA

fERNANDO rODRIGUES

DAniel Almeida

Reggie Moraes

Astero Motta

andrea regis

François Calil

Kell Motta

EvANDO FILHO

Fátima Tolêdo

Igor leonardo

iZABELLE CAPUZZO

rICARDO LIMA

William Hanna

Nathalia fiorotto

Pablo Kossa

Juliano rodrigues

geovane gomes


14

Pablo Kossa

O Mundinho do Instagram

16

Gustavo Moura

A Revolução das Marcas

18

Sandro Tôrres

A tênue linha entre a abstração e a distração

22

CLÁUDIA LIZ

Sem perder o brilho

28

DEMETRIUS POMBO

História de beleza e determinação

36

MÓVEIS PLANEJADOS

Cozinha dos sonhos

40 ÍCONES

36

Valorização do design nacional

42

AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL

A casa do futuro no presente

48 REVESTIMENTOS

Festa de cores e estampas

50

VIC MEIRELLES

Sofisticação artesanal

52

III FÓRUM DE DESIGN

Criação e tendências

56 MODA

Looks pra você brilhar nas festas

62

AD’ ORO

Gastronomia que vale ouro

70

HIGH TECH

Inovações portáteis

74 URUGUAI

Provinciano e cosmopolita no mesmo lugar

84 CARROS

Tendências do Salão do Automóvel

56 74


13


artigo

O mundinho do

Instagram

Pablo Kossa pablokossa@bol.com.br

U

ma rede social de compartilhamento de fotos. Uma ideia boba que é genial (como só poucas bobas ideias conseguem ser). É inegavelmente divertido ficar olhando o que as outras pessoas estão fazendo, comendo, conhecendo, constrangendo... Mas o mundinho do Instagram não é para depressivos. Quando você olha ali, todos são felizes, cheirosos, sorridentes e vão a lugares bacanas. Parece que ninguém pega baú no Terminal das Bandeiras. Esse é o mundinho do Instagram. A verdade é que não há verdade no Instagram. Os temas são os melhores possíveis, os ângulos são bem escolhidos, o filtro ameniza distorções. É o mundo da alegria sem Prozac. Afinal, queremos compartilhar o que temos de melhor. Não a unha encravada do dedão do pé. De mundo real, os telejornais locais já estão cheios e não precisamos mostrar que também temos nosso lado TV aberta. Timbre Multishow é bem mais cool. Dentre as categorias de fotos que encontramos nessa rede social, acho que a que mais me incomoda são as fotos do próprio dono da conta. Tem gente que tira foto de quando coloca uma camisa diferente (nunca quando está com aquela camiseta surrada de ficar em casa), suado, quando saiu do futebol (nunca quando mostra que sua barriga está bem maior que o razoável), indo para a balada (nunca quando está voltando bêbado e vomitando no carro), com os filhos sorridentes (nunca quando eles estão se jogando no chão de birra) ou com aquela amiga gostosa (nunca com a amiga feiosa). É muito ego, muita necessidade de afirmação ou carência de elogios. Se bem que

14

o uso de Instagram é mais barato que pagar analista. Nesse sentido, pode até ser mais interessante resolver conflitos de ego com a rede social. Por outro lado, se o problema for excesso de soberba, as fotinhas podem ter consequências desastrosas. Outro lance engraçado do Instagram é o que motiva você a curtir uma foto e não outra. A real é que não há muita reflexão para isso. A gente meio que vai curtindo tudo quanto é foto sem pensar nas razões de estarmos fazendo isso. Como é só dar dois cliques na tela, nós vamos descendo a barra de rolagem e dando dois cliques de forma indiscriminada, sem nos preocuparmos se realmente “curtimos” aquela imagem compartilhada pela pessoa que seguimos. Fazemos isso impulsivamente. Mas esperamos a contrapartida. Curtimos para sermos curtidos. O velho “é dando que se recebe”. E ainda falamos que o Congresso é um balcão de negócios... Por isso que sempre digo que a vida real acontece offline. A verdade não é transmitida pela internet. O olho no olho é que tem peso. Dessa forma que percebemos que o branco é branco e o preto é preto. Negar isso em prol da interação digital é abdicar do gosto real das coisas, do cheiro real das pessoas, da intensidade do contato entre as peles. Não tenho dúvida de que prefiro os dissabores do mundo real às benesses do mundo virtual. Questão de estilo. Questão de visão de mundo.

Pablo Kossa é jornalista , produtor cultural e mestre em Comunicação pela UFG


15


artigo

A revolução das

marcas

Gustavo Moura

N

atal iminente, shopping formigando. Compras, compras, compras. É assim desde que a Revolução Industrial introduziu a fabricação em série e a Coca-Cola deu luz ao bom velhinho. Vivemos na era em que o acesso a produtos e serviços se torna cada vez mais possível a todos os níveis da pirâmide social. São milhares de opções, com marcas chancelando os produtos e produtos chancelando marcas. Mas, afinal, o que é marca? Marca é sentimento, é algo primitivo, que vem de dentro. Assim como em um relacionamento, temos uma ótica particular e íntima de uma marca. O jeito de falar, de se vestir, de se expressar, suas verdades e seus defeitos montam, em nossa mente e coração, um arquétipo único, bom ou ruim. Vivemos de relacionamentos. Qual marca você ama? Qual marca o inspira? Qual o segredo da Louis Vuitton? Como a Apple, além dos seus gadgets, construiu uma fábrica de sonhos? Analisando friamente, são apenas produtos industrializados em série. Contudo, por meio das experiências, surge o sentimento. Como em um relacionamento, podemos nos questionar sobre a verdade por trás do que compramos. Por meio de um clique, é possível descobrir que a verdade das marcas já não é mais aquela dos tempos de Marlboro, em que a promessa de uma vida jovial e aventureira seria realizada na tragada de um cigarro. A velha fórmula de publicidade morreu. Vender um mundo e entregar fundos já é

16

atitude questionada pelo consumidor. Começamos a ver a realidade atrás das marcas e a nos indagar sobre a relevância entre o que elas falam e entregam. Mas a maturidade das marcas está apenas engatinhando. Nas prateleiras de opções, qual a sua marca preferida? Qual serviço você recomenda para o seu melhor amigo? Qual o nível de relevância daquele comercial da TV? Em um tempo em que verbalizamos nossos sentimentos, amores e amarguras a toque de dedo, as marcas perderam seu papel de inatingíveis. Ora, quem não odeia perder seu tempo, cada vez mais caro e precioso, ligando no call center? O resultado disso é que, cada vez mais, as empresas têm procurado, na sua essência verdadeira, influenciar consumidores com identidades inspiradoras e enxergá-los como seres humanos – e não mais como dados em uma tabela de Excel. Marcas fortes constroem relacionamento, admiração. Marcas fracas sucumbem às migalhas da precificação. E é nosso papel questionar, reclamar e cobrar. Diferente dos relacionamentos, estamos pagando por isso.

Gustavo Moura estudou Visuelle Kommunikation na Zuercher Hochschule der Kuenste (Suíça), tem especialização em Identidade Corporativa e em Inovação e Design Thinking pela ESPM (SP))


artigo

A tênue linha entre a abstração e a distração Sandro Torres Gatos e lebres, sem pele, servidos decepados, são bem parecidos. No século XVII, existia essa preocupação de não comer um pelo outro. Mesmo que as lebres hoje não cheguem a custar um décimo do valor cobrado por um gato de raça, elas continuam sendo abatidas para consumo humano e os gatos não. Pelo menos oficialmente. Sempre haverá por aí os que não conseguem discernir entre uma lebre e um coelho. Coelhos são menores, mais fofos e mais lentos, além de nascerem nus, cegos e totalmente dependentes das mães; as lebres, ao contrário, após uma hora de vida, podem viver independentemente. Fazendo analogia aleatória com a cena artística, me ocorreu algo: quem são as lebres ladinas, quem são os coelhos ingênuos e quem são os gatos impróprios para consumo dentro das artes em Goiás? E – o mais complicado – quem nos dará essa resposta? Analisando a carreira de qualquer profissional, de qualquer área, observamos que são necessários alguns elementos para a consolidação de uma reputação. O reconhecimento vem com dedicação, perseverança, disciplina, responsabilidade e denodo. Influenciam também a sorte, os contatos. Mas no caso do profissional das artes, entram outras abstrações; entra um je ne sais quoi que não se compra e não se aprende. Particularmente, acho que tem a ver com o carisma e principalmente com a ética. Parece tolo, mas é determinante. Hoje existem as benditas e famigeradas redes sociais, que confundem um tanto nossa cabecinha, travestindo coelhos em gatos com personalidade de lebre. A culpa é desses espaços virtuais que dão oportunidade para comunzices e cretinices tanto quanto para interessâncias e legalzices? Mas se rastrearmos as redes sociais, em 1 ou 2 passos, chegamos na outra ponta da informação: as pessoas. Então eram elas o tempo todo desfazendo da língua portuguesa,

18

torturando o bom gosto e traçando parâmetros invisíveis entre a tolice e a sagacidade, onde deveriam existir altos muros com alarme, cerca elétrica e um fosso com jacarés de separação?! Puxa, mas que ironia! Puxa, deitei e rolei no neologismo! Então, abstrações, não é? O que dizer para um cidadão comum que visita uma mostra de arte e se depara com as abstrações conceituais do tipo que espalha graxa no piso de um pavilhão inteiro de exposições? Ou que coloca imagens repetidas de um mesmo gesto humano em uma velha televisão dentro de uma sala escura? Ou ainda que empilha listas telefônicas até o teto, entre tijolos e restos de espuma? Não citei instalações que tenha visto, mas fui na licença poética da criação moderna, em que o conceito vale mais que a imagem e, à primeira vista, sem conhecer o significado ou a trajetória de pesquisa do artista, não se compromete com o espectador, deixando-o atônito e à deriva na interpretação. Ainda sobre o suposto tema principal desse texto, dispomos em nossas prateleiras goianas, entre compotas de pequi e enormes e luzentes fivelas de cintos de “caubóis”, de talentos supremos em todas as sete e em mais uma meia dúzia de artes. Sei disso não de ter ouvido falar, mas de conhecer e conviver com muitos desses artistas exuberantes. Ouvimos sempre uma bobagem dolorida no ego do goiano: “Fulano é tão bom que nem parece daqui.” Como assim? Isso é uma afirmativa que não dá margem a interpretações: quer dizer o que quer dizer; é o tomate podre na cara do artista no palco esperando o aplauso. Isso não é elogio nem aqui nem nos países da Glória Perez! E sempre haverá laboratórios de DNA para separar as lebres dos coelhos e dos gatos. E sempre haverá quem se interesse em saber as respostas dos exames, mesmo que se distraia na leitura. Sandro Torres é ator e artista plástico


Goiânia - Av.136, n 764, St. Marista 62.3281-3666 / Brasília - Casa Park 61.3462 1300

www.maximsambientes.com.br 19


aniversário

No caminho Andrea Regis

O

certo

momento não favorecia aceitar o convite. Estávamos no final de 2006 e eu de mudança para a Suíça, prestes a começar meu tão aguardado ano sabático. Mas o pedido de editar uma nova revista vinha de Rosângela e Ângela Motta, que conheço desde quando era uma estagiária “sabe-nada”. E, por quem, diga-se, tenho enorme admiração e respeito. Ou seja: era impossível dizer não. Missão dada, missão cumprida. Lembro como se fosse hoje quando deixei a redação, já de madrugada, com a primeiríssima Zelo pronta para ser impressa. Melhor desfecho antes de me mudar, impossível. Afinal, Zelo me conquistou logo de cara. A começar pelo nome: Ze-lo. Além de sonoramente delicioso, significa dedicação ardente, desvelo, cuidado, diligência. Não é o retrato da revista? E é o que se vê em cada texto, foto, legenda, enfim, em cada edição. E assim ela chega, com brilho, aos seis anos. O primeiro número impressionou quem, supostamente, aguardava uma revista de sociedade. Zelo era avant-garde: tinha capa e conteúdo relevante com variedade e, acima de tudo, opinião. Da edição de estreia me recordo do texto sobre um encontro de pensadores locais na noite goiana e, claro, do ineditismo do editorial de moda em pleno Centro Cultural Oscar Niemeyer – àquela época, pouquíssimo explorado como locação. A segunda Zelo continuou trilhando o caminho aberto pela primeira, ao trazer nomes como Stepan Nercessian, Washington Novaes e Antônio Poteiro (!). Aliás, as personalidades merecem destaque especial em todas as edições. Já estiveram nas páginas de Zelo a delegada Renata Cheim, a atriz Ingrid Guimarães, o engenheiro Rodrigo Meirelles, o dermatologista Rogério Ranulfo. Os editoriais de moda são um capítulo à parte. Uma igreja abandonada em Cristianópolis já serviu de cenário. Uma produção impecável arrancou elogios em ensaio quase sobrenatural e assim por diante. Zelo ganhou, assim, seu caderno de moda, que, vale citar, fez o melhor registro do GO Fashion Week, maior evento do segmento na região. Além da cobertura completa na versão impressa, o site era abastecido em tempo real em um lounge montado para servir de redação itinerante e sala de visitas para convidados da revista. Vale citar do caderno Walter Rodrigues. A revista viajou ainda por destinos exóticos, como a Nova Zelândia, apresentou uma Cuba gastronômica, assim como passou por lugares como Chile, Japão e Estados Unidos. Foi também a São Paulo, para entrevistar os goianos que lá fixaram residência. Por aqui, conversou com jovens e inteligentes colecionadores de arte. Ganhou também o caderno Casa Zelo, conhecido pelas matérias e coberturas impecáveis de eventos como Casa Cor, mostra Época e Feira de Milão. Por fim, mas não menos importante, reserva espaço para colunas imperdíveis, como Conexão Europa; Só para Homens; Carros e High-Tech. Dedicação ardente, desvelo, cuidado, diligência. Enfim, Zelo. É o que desejo e espero da equipe. Que vocês continuem nos presenteando com beleza e conteúdo de qualidade, todos os meses, por muitos anos.

20


21


entrevista

Sem perder o

brilho

Fotos: acervo pessoal

Cláudia liz em Uma das fotos do livro em que dá dicas para novatas na profissão 22

Aos 42 anos, a ex-modelo goiana Cláudia Liz avalia sua história e conta como se desdobra entre os papéis de mãe e empresária Alice Galvão Nascida em 1970, no interior de Goiás, mais especificamente em São Luís dos Montes Belos, Cao foi uma adolescente magra, alta, branquinha e muito bonita. Por isso, logo tornou-se modelo e veio morar na Capital. Aos 13 anos de idade já desfilava profissionalmente em Goiânia e, aos 15, com 1,80 metro de altura, foi descoberta pelo dono de uma agência de São Paulo e aceitou a proposta de trabalhar por lá. Mas foi em 1986 que a transformação da menina goiana para a top model internacional começou a acontecer e sua fama alcançou Itália, Estados Unidos e Japão, onde representou marcas como Pierre Cardin e Jean Paul Gautier, além de figurar uma das capas mais emblemáticas da moda brasileira: a dos 20 anos da Vogue Brasil. Em 1991, alcançava o topo de sua carreira e em 1995 já extrapolava os limites da passarela e ganhava status de atriz, tendo estrelado novelas da Rede Globo e um programa sobre moda na MTV, além de fazer teatro e ser premiada no cinema. No ano seguinte, foi protagonista de comoção nacional, quando entrou em coma ao ser anestesiada para uma cirurgia de lipoaspiração. A imprensa brasileira então passou a discutir publicamente o caso e a colocar em debate os limites da busca pela beleza e pelos padrões estéticos do mundo da moda. Mas para a Cláudia Liz de 2012, tudo isso faz parte de um passado de aprendizado, importante na construção de sua personalidade e que lhe rendeu o livro “O Caminho da Passarela - Tudo o que você sempre quis saber sobre a profissão de modelo e nunca teve uma top model para


perguntar”, baseado em suas experiências pessoais, com a função de orientar e dar dicas às adolescentes que sonham com uma carreira de modelo. Hoje, longe das passarelas e das telas, dedica-se à sua agência (Misslily Comunicação), ao marido (o empresário, piloto de stock car e coach de pilotos da Porsche GT3), Beto Giorgi, e ao filho Lucca, talentoso ilustrador. Em entrevista à Zelo, Cláudia diz que optou por levar uma vida reservada, por isso não pensa em voltar a atuar. Como mãe, Cláudia faz linha dura. “Sou muito exigente! Acho que até demais, por não ter o pai dele dentro de casa e ter que fazer os dois papéis. Gostaria de fazer só o papel de mãe, aquela que passa a mão na cabeça enquanto o pai dá a bronca”, ri. A bela conta que tem muito orgulho de sua carreira de 15 anos como modelo e que, graças ao mundo da moda, com todas as suas referências e informações, desenvolveu a criatividade que esboçava na infância, produzindo desenhos, pintando quadros e dirigindo o departamento de criação da Misslily. Ela é autodidata e intelectualmente inquieta. “Sempre gostei de arte e design. Eu pintava telas, mas não tenho mais espaço nem tempo para telas, hoje desenho bonecas”, brinca, referindo-se à coleção de ilustrações com figuras femininas que produz. Na essência, Cláudia se considera uma mulher simples, que gosta do contato com a natureza. “Adoro ter passado minha infância em Goiás. Tínhamos uma chácara, e meu lado moleca, de subir em árvore, sentar embaixo dela, andar a cavalo, gostar de mato e andar descalça, vem daí”, explica.

A Capa dos 20 anos da vogue foi um dos momentos marcantes da carreira de cláudia liz. Trajetória inclui também trabalhos com grandes fotógrafos, como J. Duran (abaixo). Hoje a modelo se dedica a sua agência, ao marido, Beto giorgi (no alto), e ao filho, lucca

23


ZELOINDICA NATHÁLIA FIOROTTO nateces@hotmail.com Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

bule sakura R$ 361,00 xícara sakura R$ 245,00 Moreira e glorinha

Objetos de desejo estatueta love Bear Romero Brito R$ 274,00 moreira e glorinha

clutch Píton Rogério Lima R$ 886,00 Ambrée

O verão vem recheado de peças fetiche para imprimir muito estilo na hora de presentear, decorar, enfeitar ou renovar seu closet.

sapatilha couro Zeferino R$ 772,00 Ambrée

Jogo jantar 24 pcs. lê jardin Versace R$ 10.877,00 moreira e glorinha

biquíni Chika R$ 196,00 salinas porta-retrato scrapbook R$ 240,00 cada casa mix pee toe amarelo couro Zeferino R$ 628,00 ambrée

cachorro de cerâmica 140,00 casa mix

caixa americana R$ 250,00 casa mix

ONDE ENCONTRAR: ambrée - (62) 3995-6232 / casa mix - (62) 3242-0805 / moreira e glorinha - (62) 3945-5221 / salinas - (62) 3088-0445 24


25


ZELOINDICA NATHÁLIA FIOROTTO nateces@hotmail.com

pulseira e brinco COLLOR TWO COM PEDRA ITALIANA 2 CORES preço sob consulta herreira

COLAR METAL TRANCADA COM BANHO DOURADO, preço sob consulta herreira

Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

ANEL BLUBES STONES preço sob consulta herreira

Acessórios de luxo Sofisticação e modernidade dialogam em peças inspiradas e cada vez mais conceituais. A tendência de luxo neste verão é mostrar personalidade! Brinco e anel RAVENA NO Lápis-lazúli, preço sob consulta herreira

brinco meia lua ónix R$ 265,00 maria dolores BRinco BLUBES STONES preço sob consulta herreira

brinco em agatha verde e Madeira R$ 395,00 maria dolores

bracelete em tear e ónix R$ 790,00 maria dolores

bracelete cobra R$ 299,00 cada maria dolores ONDE ENCONTRAR: HERREiRA - (62) 32812225

26

MARIA DOLORES - (62) 3255-3025.


Rua 30, nº 243, Setor Marista. Telefone: (62) 3255-3025.

27


DIVULAGAÇÃO

beleza

Demetrius Pombo

passo a

passo Hair stylist conta como descobriu a profissão, rodou o planeta se aperfeiçoando e voltou à cidade natal para abrir seu Boutique Salon

Alice Galvão

“C

uidado com o que você pede a Deus, porque ele lhe dá, mas você tem que fazer por onde.” Esta frase cunhada por Demetrius Pombo durante entrevista à Zelo resume bem sua personalidade e a forma como ele encara a vida. Parece um misto equilibrado de leveza e responsabilidade, resistência e emoção. Assediado pelos visitantes no backstage do evento “Só Pra Mulheres”, ele tirava fotos com todo mundo, sempre sorridente e gentil. Superespiritualizado, Demetrius tem pelo corpo tatuagens com referências budistas e católicas, além dos nomes da mãe e do pai grafados nos antebraços (Luiz no esquerdo e Arlete no direito). “É como se eu estivesse numa redoma de proteção. Eu não uso isso (os símbolos religiosos) sem retribuir. Sigo a doutrina de uma pessoa coerente, que não faz mal a ninguém. Eu tento ser do bem”, explica. Alto, de olhos claros e porte atlético, Demetrius modelou algumas vezes em Taubaté antes de se aventurar por terras cosmopolitas. Depois de se formar, resolveu ir para São Paulo tentar novas perspectivas. Lá conheceu a dona da agência L’Equipe, com quem desenvolveu seus primeiros looks e começou a circular pelo mundo da moda, atuando ao lado de cabeleireiros e maquiadores. Fez pequenos trabalhos e gostou, apesar de sentir medo dos preconceitos que permeavam a profissão. Mas uma conversa com a mãe foi definitiva para que ele ficasse em paz com a decisão tomada, quando ela lhe pediu que não fosse mais um na profissão, e sim uma referência. Entre 1989 e 1990, foi para o Rio de Janeiro. Fez seu primeiro corte tentando emprego em um salão muito bem frequentado no

28

Demetrius pombo: atendimentos a celebridades como luana Piovani

bairro de Botafogo, onde atendeu celebridades da época, como Scheila Carvalho e Baby do Brasil. As dificuldades eram grandes, mas a vontade de crescer, maior. Ele sonhava em ir para Londres, onde “todos os melhores cabeleireiros do mundo estudavam”. Juntou dinheiro e foi fazer o curso da Toni & Guy. Voltou para o Brasil, juntou dinheiro novamente e foi para Paris estudar na Loreal. Nesta época, um de seus melhores amigos de profissão, Sérgio Calixto, faleceu em um acidente de carro e o salão onde ele trabalhava contratou Demetrius para substituí-lo. Lá ele ficou mais cinco anos, atendendo clientes de destaque, como Débora Bloch, Myrian Rios e Luana Piovani. Logo a vontade de mudanças o arrebatou de novo. Foi para Nova York e depois, Los Angeles. Conseguiu uma guest house (casa de hóspedes) para ficar e montou uma pequena estrutura de salão no fundo da casa. “Eu cortava cabelo por 30 dólares”, revela. Aventurando-se por Beverly Hills, se ofereceu como assistente no Cristophe Salon, que atendia as atrizes de As Panteras, como Farrah Fawcett, e todas as celebridades de Hollywood. Atualmente, sua Boutique Salon Demetrius Hair Studio inova no mercado brasileiro com estrutura sofisticadíssima, agenda concorrida e clientes que saem do Rio de Janeiro e de São Paulo capital para usufruir de seus serviços e de sua companhia. Embaixador da TRESemmés no Brasil, quando não está em sua Boutique Salon, circula pelo País levando conhecimento técnico desenvolvido por ele, além de dicas para profissionais da beleza.


29


só para homens joão camargo neto joaoncamargoneto@gmail.com

Papai Noel O Boticário celebra o Natal com opções exclusivas. Para o público masculino, uma das apostas é o estojo Coffe Man Seduction, que tem na composição a infusão dos grãos de café premium (coffee arábica). Com colônia, balm após barba e sabonete perfumado, o kit traz ainda uma carteira de couro ecológico com várias divisões internas. FOTOS: DIVULAGAÇÃO

Gucci Watches A moda masculina da Gucci já está presente no Brasil em uma loja exclusiva para homens. Agora, a novidade são os relógios da grife que chegaram por aqui. Chamadas de Gucci Watches, as peças possuem detalhes referentes aos ícones da grife italiana, como as listras vermelho e verde, o duplo “G” do seu logo ou o padrão presente em suas peças de couro. Verão Rider traz o conceito do color bloking, tendência deste verão traduzida para o público masculino, e apresenta Rider Duo. Seu design arrojado e esportivo, de linhas fluidas e formato anatômico, oferece conforto e leveza ao andar. Com tiras bicolores largas e de diferentes densidades, além de palmilhas em EVA, que tornam prazerosa a sensação de calçar, o lançamento promete ser um hit da marca.

Espaço masculino Uma das novidades da última edição do Bazar Sophistiqué foi o Espaço Sky, concebido especialmente para o público masculino, crescente a cada ano. As praças de alimentação transmitiram a programação Sky HDTV. Maridos, namorados e clientes assistiram, entre outras atrações, o Campeonato Brasileiro Série A e UFC.

Havaianas para Richards Havaianas e Richards repetem a parceria do verão passado e apresentam mais uma coleção inspirada no clima balneário chic. A coleção com quatro modelos em tons de azul-marinho, branco e verde-água fazem referência à temática náutica, refletindo o estilo das duas marcas, além das estampas xadrez e de âncoras. As novas sandálias podem ser encontradas nas lojas Richards.

Esporte Mantendo a forma e a elegância do frasco original, o lançamento L’Eau d’Issey pour Homme Sport vem em uma embalagem desenvolvida por Renato Montagner, arquiteto e designer italiano especializado em design de equipamentos esportivos. O vidro do frasco foi especialmente tratado para dar a sensação de reflexão e transparência dos óculos de ski. A tampa de apertar evoca os materiais usados nos equipamentos esportivos para garantir a precisão e o controle. A tampa é sublinhada por uma faixa azul, símbolo de frescor tonificante.

PREMIER •

30

Recém-chegado de Barcelona, Marcus Costa é o novo chef da cozinha do Bartolomeu, famoso pela pururuca.

O Botequim Mercatto está prestes a inaugurar filial no Flamboyant. Camarões, Kanpai, Madero e Porcão

também estarão no novo polo gastronômico do • shopping. O Cateretê mantém há meses casa alugada

no Jardim Goiás, onde • será inaugurado o terceiro restaurante. P Di Pizza também abrirá na região, bem em frente ao Parque

Flamboyant. A Converse lançou linha exclusiva e limitada, inspirada nas obras de Oscar Niemeyer.


31


32


33


34


Espaço gourmet

Casa futurista

Bom gosto e funcionalidade

Projetos fazem cozinha virar centro das atenções

Cantor sertanejo Mateus entra na era da automação

Papéis de parede facilitam vida de quem vai reformar

35


Funcionalidade

FOTO: RICARDO LIMA

BENTEC APRESENTA REVESTIMENTO COM PELÍCULAS MENOS ADERENTES, QUE FACILITAM A LIMPEZA

Cozinha dos

sonhos

Materiais modernos e projetos personalizados garantem sofisticação e praticidade a um dos principais espaços de convivência da casa Eliane Santolin

E

ra uma vez uma cozinha tímida e previsível, restrita a quem tinha a tarefa de preparar as refeições. O tempo deu um rumo diferente a essa personagem, que no decorrer dos capítulos passou a se mostrar mais e tornou-se destaque nas casas e na vida das pessoas. Virou protagonista da história. É esse status que a cozinha tem para o juiz de Direito Carlos Elias da Silva, um gourmet assumido que se orgulha de suas carnes vermelhas com molhos cremosos e de seu salmão com alcaparras. “Gosto muito de receber e logo imagino isso no lugar que considero o mais saboroso da residência. Meu sonho é ter amigos e familiares ao redor

36

enquanto cozinho. Poder ver e ser visto, ouvir, falar, interagir com todos”, confidencia o juiz, que colocou o espaço gourmet no centro das atenções ao escolher o projeto de seu novo apartamento. Com essa preferência cada vez mais recorrente, as cozinhas recebem tratamento cuidadoso da indústria, que aprimora os materiais, e dos profissionais, que se empenham em obter resultados surpreendentes. E eles conseguem. Um olhar mais atento e é possível constatar o quanto esse ambiente evoluiu e apresenta uma estética de bom gosto, modernidade e beleza. “As pessoas têm o desejo de personalizar a sua cozinha. A grande variedade de materiais permite inúmeras combinações e resultados únicos”, observa a arquiteta Daniela Ludovico, ressaltando que a diversidade de possibilidades


FOTO: HECTAFOTO´S - gUSTAVO cASTRO

disponíveis facilita para que uma cozinha nunca seja igual à outra. A gama de acabamentos aguça a imaginação até dos que não partilham mais intimamente do universo da decoração. Os amadeirados, grande tendência do momento que lembra madeiras de vários tons, onde o destaque é o tagliato, que remete à madeira de demolição, dividem atenções com o vidro, que recebe pintura de diferentes cores, e com a laca, utilizada somente em detalhes. Da Todeschini vem a sugestão do stone, frente de porcelanato especial, de alta resistência, que, além da estética, tem a favor a limpeza fácil. A predominância de linhas horizontais é ressaltada por Daniela ao explicar que gavetões, portas deslizantes e basculantes ocupam o lugar das portas de abrir, deixando o projeto mais horizontal. “Mas o que vai ser usado e valorizado depende muito do perfil do cliente. Sua profissão, idade e preferências influenciam no resultado final e dão a cara do projeto.” Quem sentencia é o diretor da Maxim’s, Carlos Augusto Borges, confirmando a grande tendência atual: “Na hora de familiares e amigos confraternizarem, a cozinha hoje é o ambiente eleito.” Daí a preocupação em obter um resultado harmonioso e agradável para as cozinhas planejadas. Sob este aspecto, as cores têm grande influência. Mesmo havendo predominância dos tradicionais tons de bege, marrom e cinza e do

Tatiana Borges: modernidade dá preferência ao funcional

FOTO: ACERVO PESSOAL

Daniela Ludovico: valorização da estética e do conforto

FOTO: RICARDO LIMA

Cozinha da TODESCHINI: porcelanato especial, que favorece a limpeza, e predominância de linhas horizontais 37


FOTO: RICARDO LIMA

Bentec apresenta revestimento com películas menos aderentes, que facilitam a limpeza

Projeto da Maxim’s: materiais adaptados ao perfil de cada cliente

eterno branco, há espaço para a ousadia. “O amarelo e o vermelho são os preferidos para detalhes que fazem a diferença. A interferência de cores não impede o perfil clean, geralmente desejado”, conta Carlos Augusto. Daniela Ludovico sinaliza também o azul como cor muito escolhida em projetos modernos, onde tanto a estética quanto o conforto e a praticidade são muito valorizados. E a tecnologia dá um empurrão poderoso neste sentido. “Prateleiras, nichos e gavetões com iluminação interna de led facilitam o dia a dia”, diz a arquiteta. Carlos Augusto destaca a abertura eletrônica para portas e gavetões, onde “o controle remoto descomplica o acesso aos espaços que ficam mais no alto, permitindo a visualização do que está fora do alcance”. Nos quesitos em pauta, a limpeza também é beneficiada pela evolução dos materiais. Quem dá a boa notícia é Tatiana Borges, diretora da Bentec. “Está mais fácil e prática. Tudo já vem revestido com películas mais lisas e menos aderentes, o que impede a fixação da gordura e do que mais causa sujeira”, explica. Ela lembra que relevos e outros acabamentos utilizados anteriormente, como o vidro jateado, que em contrapartida ganhou pinturas coloridas na parte interna, acumulavam resíduos. A modernidade dá preferência ao funcional, que facilita e simplifica o cotidiano das pessoas. “Recursos como a manta emborrachada são sempre bem-vindos. Ela pode revestir todos os armários. É removida, lavada e depois volta para o lugar com-

38

Carlos Elias: espaço gourmet montado pela maxim’s

pletamente limpa”, exemplifica Tatiana. Ela afirma perceber que, quando chega o momento de escolher a cozinha, a pessoa investe no que vai trazer o resultado que espera. E foi exatamente assim com o juiz de Direito que domina as caçarolas ao planejar cuidadosamente a sua nos mínimos detalhes. A personagem principal dessa história encontrou a tradução fiel nas palavras de Carlos Elias: “Uma cozinha de verdade tem de ter qualidade, aproveitar cada espaço disponível, ser bonita e funcional, moderna e ao mesmo tempo sofisticada, tem de ser a tradução do sonho.” Pronto, está definida a grande estrela do momento, a cozinha planejada.


39


ÍCONES

daniel almeida contato@danielalmeidaarquitetura.com.br

A coluna Ícones adora e valoriza o design nacional, o grande homenageado desta edição. Destacamos aqui algumas peças encontradas nas principais lojas da capital goiana, assinadas pela nova geração brasileira de design. A inspiração é o verão e o clima de férias de fim de ano, que remetem ao descanso na varanda e às reuniões com amigos e familiares. Para quem for a São Paulo, a lazer ou para fazer compras, fica a dica: o Museu da Casa Brasileira expõe até 13 de janeiro o 26º Prêmio Design – USE, que este ano teve recorde de 867 inscritos.

FOTOS: HECTAFOTO´S - gUSTAVO cASTRO

Dias de verão pedem mesa outdoor. Mesa Geométrica. Catuaba sem pintura. Design da premiada Fernanda Brunoro, que sempre se inspira em moda, cinema, teatro, elementos gráficos e natureza. ÉPOCA DECORAÇÕES

Esta peça é para os apaixonados em cachorros e meio ambiente. Designer americana faz apologia ecológica aos cães. Cachorro Rover. Jornal reciclado. BOSSA BOUTIQUE 40

Para quem gosta de design exclusivo e colorido. Poltrona da coleção por um fio. Estrutura de ferro encapada com cordas, fios, tecidos, linhas coloridas. Invenção de Nara Terra e Mary Arantes. ARMAZÉM DA DECORAÇÃO

Quem nunca ficou olhando para o teto, sem fazer nada? Agora você pode olhar para essa mesa de centro de quatro pés. Mesa de centro Teto. Catuaba sem pintura. Do arquiteto carioca Frederico Cruz, que traduz toda linguagem e signos arquitetônicos para o design. ÉPOCA DECORAÇÕES


Já é um hit dos descolados. Com formas simples inspiradas nas ricas feiras de Caruaru e com toques personalizados. Armário Caruaru. Pinus natural. Ideia do badalado Marcelo Rosenbaum. ARMAZÉM DA DECORAÇÃO

Verde na cor e no conceito. Poltrona Monalisa. Estrutura de alumínio e cordas Pet. Da designer Cíntia Gomes. ARMAZÉM DA DECORAÇÃO

Lúdica e delicada. Escultura Cabeça. Resina. Do universo da querida Fabiana Queiroga. BOSSA BOUTIQUE

Para guardar todas as coisas, inclusive um cooler de gelo. Buffet Coisas. Portas em catuaba. De Fernanda Brunoro. ÉPOCA DECORAÇÕES

41


automação

O home cinema, local preferido do cantor sertanejo, conta com grande sofá e poltronas baixas para a hora do videogame FOTOS: DIVULGAÇÃO

A casa do futuro

no presente Projeto traz universo high-tech para residência do sertanejo Mateus Alice Galvão

I

magine que ao chegar em casa e abrir a porta, após um longo dia de trabalho, sua música preferida esteja tocando, exatamente no volume em que você gosta de ouvir. As cortinas se abrem e a luz ambiente está suave e aconchegante. Ao entrar no banheiro, a banheira já está cheia e na temperatura ideal para que todos os seus músculos agradeçam o afago de um banho relaxante. Parece sonho ou cena de filme, mas esta casa do futuro é possível hoje, graças ao desenvolvimento das tecnologias de automação. Com um projeto de personalização recém-concluído em Goiânia, quem está experimentando essa magia, a ponto de contar os minutos que antecedem a volta para casa depois de uma turnê, é o músico Mateus, que faz dupla sertaneja com Jorge. Aos 26 anos de idade, o ídolo goiano trabalha em ritmo alucinante e tem pouquíssimo tempo entre um

42

show e outro para curtir a família e os amigos. Sair para a balada, jantar fora ou ir ao cinema também não são tarefas lá muito fáceis para ele, por causa do assédio dos fãs. Então a saída é trazer todo este universo exterior para dentro de casa. De acordo com a arquiteta Rosane Naves e o diretor da GR Ambientes High End, Gláucio Rocha, responsáveis pelas modificações, a ideia foi proporcionar o máximo de conforto com foco no lazer. A casa tem 530 metros quadrados e é totalmente automatizada, integrando persianas, sistema de aquecimento, ar-condicionado, aspiração de pó, áudio e vídeo, câmeras de segurança, alarme, banheiras e piscina, que recebem comando remoto via internet. Rosane conta que sua maior intervenção foi destruir um quarto de hóspedes, que ficava logo na entrada, para construir um estúdio musical, todo equipado com o que há de mais moderno em aparelhagem de som. E o ambiente ainda tem vista


estúdio musical todo equipado tem vista para piscina

dupla jorge e mateus: cantor tem diversão garantida em casa

Gláucio rocha executou o projeto de automação

para dentro da piscina e vice-versa. Um luxo só! A arquiteta também criou uma iluminação cênica programável e trocou algumas luminárias. O uso de pé direito duplo e muito vidro deixava a casa exposta, então, para assegurar privacidade, a profissional instalou persianas automáticas. Na sala, Mateus trocou a mesa de jantar por uma de bilhar, que se transforma em convencional com uso de um tampo removível. O rapaz também fez um grande investimento na estrutura de home theater, que distribui música por todos os espaços, com a possibilidade de isolar ou combinar ambientes de acordo com a ocasião. Para o home cinema, foi reservado um enorme sofá, pois, segundo Rosane, “é o lugar onde ele mais curte ficar”. E por ter um dono adepto de jogos de videogame e simuladores de corrida, o espaço também ganhou poltronas baixas, próprias para usar e abusar dos games. Varanda e piscina são um convite à fes-

ta. Sonorizados e com iluminação inteligente, revelam o gosto do cantor por receber os amigos e fazer a sua própria balada com segurança. Não foi à toa que o projeto foi selecionado entre os dez melhores do Brasil pela revista Home Theater e estará na próxima edição do Prêmio Home Theater Best. Isso mostra que Goiânia já oferece toda a infraestrutura necessária para que a magia da automação se realize e que o mercado se aprimora cada vez mais. Gláucio Rocha se orgulha de fazer parte desta realidade e já revelou à Zelo em primeira mão que sua participação na Casa Cor 2013 vem com tudo. Ele fará o lançamento do Mplay na Capital. Trata-se de um novo aplicativo para Smart Tvs, recém-lançado no Brasil, que permite a gestão dos itens de automação por movimento e comando de voz. Acesso remoto e interatividade para que a vida seja cada vez mais prática e confortável. Assim é a casa do futuro, e ela está no presente. 43


vasos

FOTOS: ÂNGELA MOTTA

Vaso com detalhes de fibra de vidro revestido de sisal

Vaso envelhecido para aparador

Solitário, mas nem tanto Grande, pequeno, de fibra ou cimento. Não importa o formato ou o material. Feitos de barro, os vasos ganharam destaque ainda na pré-história. Foram de rudimentar a sofisticados, e o que antes era utensílio doméstico agora é objeto de decoração. Dos jardins, eles conquistaram o interior das casas, e não precisou de muito para que roubassem a atenção. Charmosos, é na estação mais romântica do ano que eles ganham ainda mais destaque, afinal, as flores lhes fazem companhia (Geovane Gomes).

Vaso de cimento

Vaso de Polietileno em formato bacia

Vaso de porcelana para jardim Vaso de cimento

Onde encontrar: vasos & Cia - 62 3251 9957

44


45


sOCIAL

Glamour para sonhar Lingeries para a noite agora fazem parte do acervo da Loja Moreira e Glorinha, representadas pela grife Maries Robe de Nuit. As empresárias e irmãs Cristiana Trussardi e Paula Trussardi Vinson marcaram presença no evento de lançamento da coleção. Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

Kariny Moreira, Paula Trussardi, Cristiana Trussardi, Glorinha Moreira e Dulce Moreira

Mayra Perillo, Liza Perillo e Marília Vilella

Gabriela Vilella e Juliana Vilela

Primeiro mixed-use de Goiânia Chegou a Goiânia o primeiro empreendimento com estilo mixed-use. Lançado pela EBM Desenvolvimento Imobiliário em charmoso coquetel no decorado, o projeto tem apartamentos residenciais, comerciais e lojas. A aposta é no conceito walking distance, que consiste em deixar o carro em casa e fazer tudo a pé. Perfeito para movimentar a vida sedentária dos dias atuais. O Walk Bueno Business & Lifestyle, idealizado para atender a um público de alto padrão, fica na T-55. Fotos: ANDRÉ saddi

Arquiteta Ana Maria Miller e Antônio Carlos de Souza

Élbio Moreira, Marcelo Moreira e Rodrigo Meirelles 46

Janaína Simão e Marcelo Simão


47


REVESTIMENTOS

Fotos: ricardo lima

Com grande variedade de opções, revestimentos deixam ambientes mais sofisticados

Festa de cores

e estampas

Papéis de parede são alternativa para renovar casa com rapidez e economia William Hanna

F

oi-se o tempo em que, para mudar um ambiente da sua casa, eram necessárias grandes reformas. Hoje, com o advento da tecnologia e da grande variedade de cores e texturas, o uso do papel de parede possibilita mudar radicalmente sem gastar muito, com rapidez e pouca sujeira. Tudo depende da sensação almejada. Se o ambiente requer algo mais discreto e aconchegante, psicodélico, ou mesmo o grafismo, os papéis de parede atendem a todos os gostos e bolsos. Eles fazem a diferença diante de uma parede branca e podem revestir com sofisticação quase todos os espaços da casa, graças à tecnologia e aos materiais disponíveis hoje no mercado, principalmente os emborrachados e vinílicos, que aceitam higienização com panos úmidos, aumentando sua durabilidade e beleza. Existem produtos de todos os preços, e dos mais simples aos mais exclusivos. Se o intuito é decorar o quarto infantil com temas, o lavabo com cores mais fortes, ou revestir todo o quarto do casal, basta ter uma parede lisa e ao menos uma mão de tinta para que seja aplicada. Pronto, sua casa estará renovada e você poderá desfrutar de ambientes diferenciados e sofisticados. Vista essa ideia e se renove. 48

papéis de parede da revestic: materiais podem ser usados em qualquer ambiente


49


decoração Fotos: marcos cardoso

Alice Galvão

S

Arte de Vic Meirelles conquistou celebridades como Rainha sílvia, da Suécia, e Ronaldinho

Sofisticação

artesanal Vic Meirelles, o flower designer das celebridades, ensina como produzir arranjos refinados a partir da mistura de materiais 50

impático e muito atencioso, o arquiteto e flower designer Vic Meirelles é o grande nome da atualidade quando o assunto é decoração de eventos de luxo. Entre seus clientes estão nomes como Príncipe Ranier, de Mônaco; Rainha Sílvia, da Suécia; Fernando Henrique Cardoso, Marta Suplicy e Ronaldinho. Seu olhar apreende na simplicidade dos insumos naturais as mais inusitadas e belas composições. Dono de um feeling impressionante para misturar materiais e cores, muito ágil e seguro no que faz, sua máxima recorrente é “não pense, se você pensar não dá certo”. Em sua passagem por Goiânia para abrilhantar o lançamento da decoração do Natal Garden Luxo Flamboyant, assinada por ele e pela empresária Conceição Cipolatti, o artista ministrou para um público seletíssimo uma oficina de arranjos para festa, usando materiais naturais e artificiais, objetos típicos do cerrado, peças rústicas, bolas coloridas e outros itens de fácil aquisição. É impressionante como o artista consegue usar em um mesmo arranjo, por exemplo, materiais como cristal, flores artificiais e frutas da estação em composições chiquérrimas e superoriginais. Para garantir um acabamento firme e vistoso, alguns cuidados são essenciais. “Deixe o recipiente que receberá o arranjo sempre bem calçado. Uma base firme é tudo”, ensina Vic. Para isso, o ideal é usar blocos de espuma floral embrulhados com tela de galinheiro e amarrados com arame plastificado, próprio para fixação e guia de plantas. Com esta base, os itens ficam fixos e o arranjo não desmonta com facilidade. O designer não tem preconceito contra as plantas artificiais, que, a seu ver, estão cada vez mais bem acabadas e fiéis às naturais em textura e cor. Mas para quem faz questão das folhagens naturais, ele considera as folhas de camélia, murta ou ruscus como ótimas opções. Neste caso, a espuma floral precisa ficar imersa em água por 24 horas, enquanto para arranjos artificiais isso não é necessário. Dono de uma experiência vasta e grande generosidade, Vic Meirelles atualmente viaja pelo país ministrando cursos, oficinas e workshops, colabora com as revistas Vogue e Casa Vogue, além de atender grandes e glamourosos eventos. Visite o site do artista: http://www.vicmeirelles.com.br/.


51


tendências

Caminhos

do design

Terceira edição de fórum é marcada por vasta programação para qualificar e movimentar o mercado goiano Um dos palestrantes do evento, que foi realizado no teatro sesi, William Hanna falou sobre o design de móveis: preferência pelo estilo clean

Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

Alice Galvão

O

Fórum de Design marca, desde 2010, a conclusão das ações anuais do projeto Oficinas de Design, que, por sua vez, é possível graças a um convênio firmado entre a Fundação de Desenvolvimento de Tecnópolis (Funtec), a Associação Rede Goiana de Design (ARGD), e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) - Departamento Regional de Goiás. A Zelo participou da terceira edição do evento, realizado em novembro, no Teatro Sesi, e acompanhou uma intensa programação, formada por palestras, exibição de vídeos, exposição de produtos, coquetel e apresentação cultural. Mesmo tendo como público-alvo os empresários dos setores de calçados, vestuário e mo52

biliário, além de designers e estudantes de moda, o evento foi aberto. De acordo com a equipe organizadora, a ideia é “disseminar no meio empresarial o conceito de design como ferramenta estratégica para implementação de novos produtos e melhoria nos processos produtivos, tendo como foco o desenvolvimento sustentável”. Maristela Nunes (coordenadora do projeto na ARGD), Misclay Marjorie (diretora da Fatec Senai Ítalo Bologna – unidade executora do projeto), Denise Bernardes (gestora de Inovação e Design), Lorena Tahan (responsável pela coordenação técnica da área de móveis) e Marlucia Aparecida (que cuida da assessoria e consultoria da área do vestuário), responsáveis pelo projeto, receberam os convidados no hall de entrada do teatro,

decorado com madeira e tecidos florais pelo arquiteto William Hanna. A abertura dos trabalhos foi com a exibição em vídeo de uma entrevista com Ruy Ohtake. Intitulada “Videoteca Summerflex”, a atividade ofereceu ao público informações sobre os projetos mais importantes do arquiteto e designer de móveis, considerado por Oscar Niemeyer como um dos mais legítimos representantes da arquitetura brasileira. Outra entrevista exibida pela videoteca foi com Andréa Bisker, diretora para a América Latina do portal de tendências WGSN desde 2004. Com graduação em Publicidade e pós em Ciências do Consumo, pela ESPM/São Paulo, Andréa atua com coolhunting mundo afora, pesquisando e definindo novas tendências, com o apoio de uma equipe formada por antropólo-


gos, sociólogos e jornalistas. Leo Romano também subiu ao palco, para ministrar a palestra “Vitrine – Linguagem, Comunicação e Venda”. Com uma breve abertura técnica, o arquiteto explicou passo a passo a concepção de uma vitrine. Em seguida, apresentou cases luxuosos de marcas que são fetiche fashion no quesito visual merchandising. Dentre os casos, o projeto desenvolvido pela marca Louis Vuitton, em parceria com a artista plástica japonesa de estilo pop Yayoi Kusama, internacionalmente conhecida pela sua fixação criativa por bolas. Para ministrar a palestra “Mercado e Experiência Profissional - O Design de móveis como expressão criativa e funcional”, o profissional convidado foi William Hanna. O arquiteto falou sobre sua preferência pelo estilo clean e acrescentou o que considera mais importante em um projeto de design de interiores: espelhos, tons neutros e cores. Ele encantou a plateia ao exibir imagens de seus trabalhos em mostras e projetos residenciais e destacou a importância de “casar” os sonhos do cliente com as ideias do profissional criativo. Ainda na programação das palestras e fechando a noite com o tema “Design e cultura de atendimento. Entender para atender melhor e vender mais”, os consultores Guilherme Flarys, da empresa Gomus, e Fernando Lucena, do Grupo Friedman, se sucederam no palco. Guilherme falou sobre a importância do marketing sensorial, mais especificamente sobre a utilização da música na construção das marcas, exemplificando com os trabalhos que sua empresa desenvolve. Na sequência, Fernando passou para o público suas experiências, deu dicas de estratégias e técnicas para vender bem, mais e melhor. No intervalo entre as atividades da tarde e da noite, um delicioso coquetel foi oferecido aos convidados pelo Hanna Buffet no hall e, dentro do teatro, o grupo de chorinho “Descendo a Madeira” fez uma apresentação primorosa, seguida da exibição do vídeo institucional “Senai 60 anos”. Paulo Vargas, diretor-geral da Associação Rede Goiana de Design e diretor Regional do Senai Goiás, e o professor Hélio Naves, presidente da Fundação de Desenvolvimento de Tecnópolis (Funtec) estiveram presentes para chancelar o evento.

Leo Romano abordou o tema vitrines: projeto da louis vuitton foi um dos cases apresentados

Guilherme Flarys: importância da utilização da música na construção de marcas

Detalhes da decoração do Teatro sesi, onde o fórum foi realizado: evento direcionado a empresários e profissionais de design

53


Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

SOCIAL

Design e informação Quem esteve no III Fórum de Design pôde desfrutar das informações e da presença de profissionais altamente gabaritados, dando uma aula de criação, produção e vendas. Leo Romano, William Hanna, Guilherme Flarys, Fernando Lucena, Rui Ohtake e Andréa Bisker foram as atrações. William Hanna, Guilherme Flarys, Fernando Lucena e Leo Romano

Lorena Tahan, Marlúcia Santos e Denise Bernardes Paulo Vargas

Valdete Medrado e Misclay Marjorie Correia

Ana Núbia Jacob e Denis Resende Clarismar Machado, Helen Simone e Flávio

Luanne Tahan e Humberto Santos 54


55


Diva Moderna Fotos François Calil / Edição de Moda Plie Design Design Gráfico Plie Design / Modelo Luana Schettini Beleza Evando Filho Vestido Ivana Menezes Colar Plie Design Brincos e anel Maria Dolores


57


Vestido Vis-Ă -Vis / Colar Plie Design Cinto Eleonora Hsiung


Vestido Ivana Menezes Cinto e colar Eleonora Hsiung

59


Vestido Ivana Menezes Look Tufi Duek Anel e brincos Maria Dolores

Brincos AmbrĂŠ

60


Vestido Carmem Cardoso / Sapato AmbrĂŠ Braceletes, cinto e colar Eleonora Hsiung


restaurante

Gastronomia Decoração arrojada e serviços de alto padrão estão entre diferenciais do Ad’oro do Goiânia Shopping

que vale ouro

Alice Galvão

A

62

Foto: ângela motta

expressão italiana “ad oro” significa “de ouro” em português e assume grande importância na vida do empresário Alessandro Garibaldi. Em entrevista à Zelo, o proprietário da marca Ad’oro revela sua paixão pela gastronomia e apresenta o conceito da recém-lançada filial do restaurante, que fica no Goiânia Shopping, Piso 1. “Essa minha relação com a gastronomia começou desde pequeno”, lembra Alessandro, complementando que sua família tinha um buffet e um restaurante no clube que frequentava em Minas Gerais. Nascido em Anápolis, o empresário se mudou para Goiânia há 20 anos e abriu um escritório de contabilidade, mas sempre quis empreender em outro segmento. Como a alimentação já fazia parte dos negócios da família, aproveitou a oportunidade de assumir o restaurante Ad’oro do Setor Marista e hoje se declara apaixonado por este trabalho. “Eu estudo diariamente e sempre busco informações para contribuir com a casa”, reforça. Focada na alta gastronomia, a reputação da casa definiu a tomada de decisão de Alessandro. “É uma marca muito valorizada, com 15 anos de existência no mercado”, enfatiza o empreendedor. Para desenvolver o projeto de interiores, com reforma e readequação da unidade do Goiânia Shopping, o empresário contou com a expertise da arquiteta Eliane Mendonça. “O projeto foi pensado para criar uma casa sofisticada, com dois ambientes, bastante área verde, um deck em madeira com vista para o Parque Vaca Brava e de frente para o bosque. É um lugar muito arejado e descontraído para to-

Alessandro garibaldi: busca de excelência em todos os detalhes de funcionamento do Ad’oro

mar um bom vinho ou chope e ouvir boa música ao vivo”, descreve Alessandro. No cardápio predomina a comida italiana, com alguns pratos mais contemporâneos. Esta linha conceitual fica clara no slogan: “O verdadeiro sabor da Itália”. São mais de 50 pratos, além das entradas e petiscos, com destaque para o Risotto Amalfitano, feito com frutos do mar; o Carré de Cordeiro, que vem acompanhado com risotto de tomate seco e funghi; e o famoso Pani I Penne, cuja massa é servida dentro de um pão italiano. Para acompanhar, a casa oferece uma carta de vinhos com 120 rótulos, que, segundo Alessandro, foi montada “buscando os melhores de cada país”. Com apresentações de música ao

vivo todas as noites, o Ad’oro do Goiânia Shopping tem funcionamento independente do centro comercial, garantindo o acesso normal dos clientes ao estacionamento. Durante a semana, a casa funciona das 11h às 2h30 e nos finais de semana, o horário se estende até as 4 horas. Há um ano, o restaurante oferece também serviço de buffet para eventos em Goiânia, com uma média de quatro a cinco eventos contratados por semana. “Para este serviço, o cliente entra em contato conosco e informa a quantidade de pessoas, o perfil do evento e quais são as expectativas de atendimento, e a casa passa algumas opções de cardápio para que ele escolha”, explica o


iluminação valoriza peças da decoração, que mistura o rústico e o sofisticado: ambiente acolhedor, que remete a cantinas italianas Fotos: ricardo lima

Área externa oferece espaço mais descontraído: deck de madeira com vista para bosque e parque

Foto: ângela motta

profissional. Misturando estilo rústico e materiais sofisticados, a adequação arquitetônica do restaurante remete às cantinas italianas. Paredes de tijolinho aparente foram aproveitadas da estrutura anterior, norteando uma reforma que definiu duas áreas com diferentes funções, separadas por parede e portas de vidro. O salão interno, mais formal, tem serviço à la carte, enquanto a área externa é um convite à descontração, onde fica uma chopperia instalada no charmoso deck de madeira, com vista para o bosque e para o Parque Vaca Brava. Eliane Mendonça conta que sua intenção foi criar “um ambiente com atmosfera sofisticada, mas, ao mesmo tempo, aconchegante e acolhedora”. Porcelanato claro no piso, madeiras, tijolos aparentes e cimentício nas paredes dialogam com o vermelho cereja do mobiliário fixo, dos sofás da recepção e do próprio salão do restaurante. Jardins verticais, iluminação estratégica para valorizar as peças de decoração, tela exclusiva do artista plástico Selvo Arantes e tecnologia nas Tvs e no toldo retrátil fecharam o projeto com chave de ouro. Enfim, para quem quer gastronomia de qualidade, atendimento cordial, sofisticação e descontração em um só ambiente, a dica é visitar uma das unidades do Ad’oro, que promete abrir mais uma unidade em 2013, com endereço no Parque Flamboyant.

Pani i penne: massa servida dentro de pão italiano é um dos destaques do cardápio, que oferece mais de 50 opções de pratos 63


64


65


66


bendita GULA geovane gomes geovanegdossantos@ibest.com.br

Foto: igor leonardo

Foto: divulgação

Terrine de Chocolate com sorvete de manjericão Que tal uma sobremesa com uma pitada do manjericão que sobrou do prato principal? Esta é a proposta do chef do restaurante Suez, Alex Fediczko. Ingredientes

250 g de chocolate meio amargo 100 g de manteiga 5 unidades de ovos 100 g de açúcar 50 g de farinha de trigo

Sorvete

1 litro de Sorvete de Creme ½ maço de Manjericão

Como fazer

l Derreta o chocolate meio amargo junto com a manteiga e reserve. l Separe as claras das gemas. Peneire as gemas e bata as claras em neve com um pouco de açúcar. l Misture as gemas peneiradas com o açúcar,

o chocolate meio amargo derretido, e acrescente a farinha de trigo e as claras em neve. Mexa até a mistura ficar homogênea. l Unte uma fôrma retangular com manteiga e farinha de trigo. l Leve ao forno para assar por 30 minutos a 150ºC

Delícia da Tribo A convite da revista Prazeres da Mesa, a chef Márcia Pinchemel criou um prato inspirado na culinária indígena. O nome refere-se à Hetôhokâ, a maior festa da tribo inspiradora, os Karajás. Cará, milho, urucum e surubim são os ingredientes principais da receita, que é carregada da história indígena. Foto: Ângela Motta

Ganache: Misture o chocolate com creme de leite, derreta no micro ou em banhomaria.

Sorvete: branqueie as folhas de manjericão colocando em água fervente por 30 segundos; depois pique-as bem fino e misture no sorvete. Rende 7 porções

Foto: ricardo lima

Outra vez Madero

Guerra japonesa

Imagine jantar com a paisagem de Goiânia a sua frente. Esta é a proposta do novo restaurante Madero Burger & Grill, que fica no Flamboyant Shopping. Dividido em três diferentes espaços, o ambiente é sofisticado e acolhedor. O projeto ficou a cargo de Kethlen Ribas Durski. Já o cardápio é elaborado pelo chef Junior Durski.

O jornalista Handerson Pancieri enfrentou a nutricionista Carol Morais em um duelo gastronômico. Promovido pelo restaurante Hakone, o Desafio do Sushi arrancou boas risadas do público presente. O chef Cardoso orientou os participantes na preparação do sushi. Eles receberam troféus e ainda uma cesta de produtos. 67


PRODUÇÃOCULTURAL ALICE GALVÃO alicegcult@gmail.com

Fotos: divulgação

Anápolis Jazz Para quem ainda não sabe, fica a dica: Anápolis tem uma cena jazz. Quem revela isso é Marcossoter, integrante do Manga Jazz Trio, entusiasta do estilo e de suas vertentes latinas. O músico, que é amante declarado do samba jazz, samba tradicional e chorinho, pesquisa as raízes históricas da cidade para revelar influências e identidades da música feita por lá. Ele conta que a vertente musical de raízes norte- americanas está presente na cidade desde a sua fundação. “Em 1907, por exemplo, já existiam aqui em Anápolis oito grupos de jazz e 12 de chorinho e samba”, conta o artista. Além do Manga Jazz, Marcossoter realiza shows com outros

artistas, como o cantor Roberto Brenner e o produtor musical e pianista Giovani Tronconi. Sua formação passa pela Escola de Música de Brasília, o Conservatório de Música de Uberaba e a Escola de Música de Anápolis. Além disso, está à frente de uma série de projetos apoiados pela prefeitura, como o Som das Cordas, o Cantando o Brasil e o Quinta Tem, que oferece shows abertos ao público, nas praças da cidade. Existe parceria com empresas e casas de Anápolis, mas Marcossoter confessa que tem uma inclinação especial para os projetos públicos e sociais. “Meu objetivo é participar de eventos culturais promovidos pela Secretaria de Cultura, Sesc Anápolis, Sesi e IFG.” Para saber mais, acesse o blog do artista: http://marcossoter.blogspot.com.br/

O Dono da Pena Cinema e poesia conceituam “O Dono da Pena”, curta da jornalista e cineasta goiana Cláudia Nunes. Trata-se da saga de “um poeta em busca de si próprio, que encanta-se com a possibilidade de romper as correntes do cotidiano. Uma breve história do fragmento de tempo em que nos sentimos capazes de mudar tudo”. A obra, do poema homônimo de Marcos Caiado, está disponível no site Sunday TV. Acesse pelo link http://sundaytv.terra.com.br/Web/ Videos/Filme/41868/O-Dono-da-Pena.htm.

68

Literatura premiada

Centenário no ballet

O título literário “Naqueles morros, depois da chuva”, do escritor Edival Lourenço, recebeu este ano o Troféu Jabuti, levando o segundo lugar na categoria romance. A premiação insere Goiânia na cena literária nacional, o que não acontecia desde 1978, quando Bernardo Élis foi contemplado com a obra “O Tronco”. Publicado pela Editora Hedra, o livro de Lourenço faturou também o Troféu Jaburu, de abrangência estadual.

Em 2013, o ballet musical “A Sagração da Primavera”, de Igor Stravinsky, completa 100 anos. Sua estreia, em abril de 1913, no Teatro dos Campos Elísios de Paris, ficou famosa na história da arte por quebrar os paradigmas da época quanto à estrutura rítmica das composições executadas, dando ao compositor, pianista e maestro russo o status de revolucionário musical. A coreografia original é de Vaslav Nijinsky, cenografia e figurinos de Nicholas Roerich, para a companhia de Ballets Russes.


69


high-tech astero motta astero@revistazelo.com.br

Ipad é preferido pelas crianças

Pagamento mobile será tendência

O Natal está chegando e ainda não sabe que presente comprar para o seu filho?! Uma pesquisa feita pela Nielsen com crianças de 6 a 12 anos nos EUA aponta o tablet da Apple como o eletrônico que os jovens mais esperam que o Papai Noel deixe em suas casas neste Natal. De acordo com o relatório, 48% das crianças americanas desejam um iPad. Em segundo lugar, vem o novo console da Nintendo, o Wii U, com 29%. Completando os cinco primeiros está o iPod Touch.

Uma pesquisa global realizada pela KPMG International com cerca de mil executivos das áreas financeira, de varejo, de tecnologia e de telecomunicações, apontou que pagamentos com o uso de aparelhos móveis (celulares e smartphones) são uma tendência. Será o meio de pagamento mais utilizado dentro de até quatro anos. Recentemente a empresa de café norte-americana Starbucks e a empresa Square, especializada em pagamento mobile, firmaram uma parceria para começar a realizar este tipo de transação no próximo trimestre. Fotos: divulgação

Iphone 5 colorido Você já pensou em ter um novo iphone super fashion, da sua cor preferida e de acordo com o seu estilo? A empresa americana ColorWare personaliza a sexta geração de smartphones da Apple no tom da sua preferência. O preço para ter um iPhone 5 com as cores que você desejar é US$ 1,7 mil (o equivalente a R$ 3,4 mil, sem impostos). Basta entrar no site da ColorWare.

Asus Vivobook O Fujioka apresentou o novo sistema operacional Windows 8, além de lançamento exclusivo do notebook Asus Vivobook, primeiro com tela sensível ao toque já equipado com o novo sistema da Microsoft. Entre os destaques do Windows 8 está a interface Metro. Formada por blocos com funcionalidades bem diversas, essa interface tem como ponto positivo o fato de que pode ser usada tanto em um computador convencional quanto em dispositivos com tela touch. O novo sistema operacional chama a atenção pela interatividade. Para criar conteúdo, trabalhar ou se divertir - o Windows 8 entrega uma experiência completa e totalmente personalizável.

70


Deslumbrante

Uruguai

Veneto, na Itália, região formada por sete províncias com paisagens de tirar o fôlego

Conheça Montevidéu, com suas belas praias, prédios históricos, agitos noturnos e até casas de tango

71


ZELODESTINO

rosangela@revistazelo.com.br

Sete maravilhas de Veneto

Bassano, pequeno povoado de vicenza, uma das sete proprovíncias que formam a região de Veneto: paisagem deslumbrante

Cidades históricas e belas paisagens com montanhas e praias fazem a alegria de quem visita a região de Veneto, na Itália

F

ormada por sete províncias e localizada no nordeste do País, a região de Veneto, a mais visitada da Itália, reúne atrações para todos os gostos e tipos de viajantes. Montanhas, águas termais, cidades históricas e praias integram o universo de belezas naturais e paisagens cinematográficas. Veneto é formada pelas províncias de Veneza (cidade única no mundo e admirada por todos), Belluno (porta de entrada do mundo mágico das Dolomitas), Padova (reconhecida pela Basílica de Santo Antonio), Rovigo (famosa pelo Delta do Pó), Treviso (local das colinas do Prosecco), Verona (palco da Arena de Verona e de Romeu e Julieta) e Vi-

72

cenza (onde é imperdível visitar o Teatro Olímpico). As cidades se fixam nos pilares da singularidade e preservação da história, além de paisagens de tirar o fôlego. A arquitetura heterogênea contém uma herança histórica significativa para seus cidadãos, e também para aqueles que a visitam. A fascinante mistura de arte, memória e cenários paradisíacos faz com que a região do Veneto seja um ícone italiano, recebendo turistas do mundo inteiro, em seus hotéis, resorts e spas, com muito conforto e excelência. A região remete a uma atmosfera de bem-estar, ideal para as próximas férias dos brasileiros.


Fotos: divulgação

No sentido horário, a Piazza dei Signori, em Treviso; Carrara San Giorgio, em Padova; e Caorle Spiaggia, em Veneza: mistura de arte, história e cenários paradisíacos

73


Férias

Provinciano e cosmopolita no

mesmo lugar Conheça Montevidéu, cidade que preserva o passado sem deixar os dias atuais caírem no marasmo Osmar Régis

R

epousando confortavelmente entre o Brasil, a Argentina e o Oceano Atlântico, o Uruguai é uma grata surpresa para quem resolve explorar suas paisagens. O país é desconhecido por muitos gringos que ignoram sua existência ou localização no mapa múndi. Apesar de possuir um território pequeno, a terra do Rio da Prata pode proporcionar entretenimento de todos os tipos. Nesta edição, a revista ZELO leva você para o agito da capital, Montevidéu, e mostra com detalhes a mistura entre o provinciano e o cosmopolita que essa cidade oferece ao turista. Montevidéu tem uma localização estratégica: não está no centro geográfico do território uruguaio, mas está a um pulo de todas as praias e principais cidades do país, e também da Argentina – com menos de 3 horas de barco você consegue chegar, pelo Rio da Prata, até Buenos Aires. E por ficar tão bem posicionada no mapa, foi considerada a capital administrativa do Mercosul. Fundada em 1726, uma praça e 13 famílias oriundas das Ilhas Canárias deram início à formação da cidade. Ao final do período colonial, ela começou a receber os europeus, que estenderam o território para além das muralhas de pedra que cercavam o pequeno território. Italianos e, principalmente, espanhóis deixaram profundas marcas que podem ser observadas até hoje. Daquela época é possível encontrar em um passeio pelas ruas da Ciudad Vieja alguns dos monumentos que resistiram bravamente à passagem do tempo. Quer um exemplo? Não deixe de conhecer a antiga porta da cidade (o arco de entrada), o centro colonial e as delícias do Mercado del Puerto, local perfeito para degustar a famosa carne uruguaia. Esta é a zona que detém a maior parte da riqueza histórica de Montevidéu. Para quem gosta de fazer uma viagem no tempo, o lugar é um prato cheio. Percorrendo ruas como Bartolomé Mitre, você encontrará o famoso Teatro Solís, inaugurado em 1856, onde já se apresentaram grandes nomes do teatro mundial. Descendo em direção ao rio, existe a Iglesia Matriz, erguida em 1799, e o Cabildo, um prédio colonial deslumbrante, de 1808, onde aconteciam as reuniões políticas mais importantes da época. Hoje o lugar abriga o Museu e Arquivo Histórico Nacional.

74

Prédios históricos, praias, restaurantes e uma vida noturna agitada são alguns dos atrativos de Montevidéu

Plaza independencia: prédios convidam a uma viagem no tempo


Bar e restaurante El Pony Pisador: música ao vivo e DJ no fim da noite

Há outros museus interessantes para se visitar na área. Um deles é o Museo del Carnaval. Sim, os uruguaios também comemoram essa data, que chega a ter praticamente um mês de festividades. Entre fim de janeiro e início de março, a cidade se veste de cores berrantes, vive de cara pintada e se movimenta ao ritmo de zabumbas e tambores. Há também o Museo del Fútbol, que celebra a memória esportiva do país e faz uma homenagem aos seus principais jogadores e às conquistas futebolísticas uruguaias. Um passeio divertido para aqueles que são fanáticos por futebol. Rambla Se você quiser passar uma tarde na praia, é só seguir o calçadão – aqui conhecido como rambla –, que tem diferentes nomes ao longo de seus 25,5 km. A região central, sem faixa de areia, é propícia para pesca, tanto que é normal ver diversas famílias praticando a modalidade por pura diversão. Há nessa faixa diversos restaurantes, praças, campo de golfe e dois parques de diversão. A praia de Pocitos é uma das mais disputadas para quem deseja tomar sol e curtir a água gelada do rio. Montevidéu tem uma noite divertida que vale a pena conferir. Os programas variam de boliches (vale explicar, boate aqui é boliche), bares, “tanguerias” e cassinos. Se quiser dançar, o local mais famoso da cidade se chama W. Lounge, localizado

no Parque Rodó. Lá tem diferentes pistas de dança e toca de tudo. Outro lugar recomendado é a Macarena, na C. Juncal, que vai de sons latinos ao rock e música eletrônica. Entre os bares, o mais famoso é o Fun Fun. Dizem que em seu balcão beberam por noites e noites figuras como Carlos Gardel, que também costumava se apresentar no bar. Depois vem o emblema da casa, a “uvita”, doce, misteriosa e embriagante bebida à base de vinho do porto. Cada momento nesse local se torna interessante. A propósito, a decoração é linda! Outro lugar legal para conhecer é o bar/restaurante El Pony Pisador. É simplesmente um achado! O bar, que fica numa das áreas mais bacanas da cidade, tem música ao vivo e DJ no fim da noite. O ambiente é pequeno, portanto, chegue cedo para conseguir mesa. Aqueles que gostam de balada gay, seja pelo público ou pela música, vão se divertir muito na Cain Dance. A decoração acompanha as noites temáticas e para quem quer economizar existe sempre alguma promoção. Outro hábito do país é o jogo de azar, representado por caça-níqueis, pôquer e outros tantos que você já deve ter ouvido falar por aí. Quem estiver a fim de tentar a sorte, há alguns cassinos na cidade, como o do Hotel Radisson, na Plaza Independencia. Por fim, existem várias casas especializadas em tango, como a El Farolito, um restaurante com pistas abertas ao público, e o El Milongón, que oferece espetáculo da dança, com jantar e bebidas. 75


conexãoeuropa roberta brum robertabrum@hotmail.com

Fotos: divulgação

Mercados para férias Alguns dos mais famosos mercados de Natal da Europa acontecem tradicionalmente desde a Idade Média e chegam a ter hoje em dia dois milhões de visitantes no mês de dezembro. Para aproveitar ao máximo, reserve horas a fio, se aqueça com uma caneca de mulled wine (vinho quente com especiarias e frutas) e entre no clima dos corais e melodias natalinas. Veja qual deles cabe no seu roteiro: • Viena – O ‘Christkindlmarkt’ fica na praça em frente à prefeitura e é um dos mais conhecidos e visitados em toda a Europa, com mais de 700 anos de existência. • Bruxelas – Nesta cidade famosa pela gastronomia, este mercado é uma perdição e uma ótima escolha para os prazeres da gula. Fica no Grand-Place. • Praga – Na República Checa existe uma enorme quantidade de mercados, sendo o mais badalado o que acontece na barroca Old Town Square. Este tem um charme especial pelas camadas de neve que cobrem o espaço e pelo charmoso zoológico com pôneis, ovelhas, carneirinhos e até uma lhama. • Munich – A famosa Marienplatz, no coração da cidade antiga e com vistas à neogótica prefeitura, conta com uma árvore de Natal de 30 metros de altura. • Berlim – Assim como a cidade, o mercado de Kaiser Wilhelm Gedächtniskirche tem um ar todo contemporâneo e é possível notar nos enfeites natalinos a presença da enorme quantidade de designers e artistas que vivem na região. • Colônia – Com um total de quatro mercados, o mais popular é o “AM DOM”, que fica na praça principal, em frente à Catedral. Outra opção na cidade alemã é o Alter Market, na cidade antiga. 76

Se há bebê, não beba Pesquisa das universidades de Bristol e Oxford na Inglaterra defende que crianças de mulheres que bebem tão somente duas taças de vinho por semana durante a gestação têm QI mais baixo. De acordo com o estudo, foram analisadas crianças com idade de 8 anos, mostrando que as mesmas eram 1,8 ponto menos inteligente quando as mães haviam consumido álcool enquanto grávidas.


Feminismo contemporâneo De acordo com um informe, as mulheres ocupam 13,7% dos postos de administração das maiores empresas da União Europeia. Com base nisso, a Comissão Europeia aprovou um projeto que fixa como objetivo que as companhias incorporem, até o primeiro dia de 2020, 40% de mulheres em suas equipes diretivas. Mesmo com a aprovação, a discussão na esfera pública continua. Angela Merkel, por exemplo, não concorda com a resolução e acha que a questão é de mérito nacional, e não europeu. Ela ainda defende que a transformação tem de ser fomentada antes de mais nada pela formação e capacitação destas mulheres e que, finalmente, a incorporação deve ser gradativa. E a dirigente alemã não está só. Há uma contrapartida liderada pelo Reino Unido, com apoio de países como Holanda, Bulgária, República Checa, Estônia e Hungria.

Desconecte-se! Um novo conceito de férias está na moda entre os europeus. Balneários badalados, álcool e festas madrugada adentro dão lugar ao campo, montanhas e praias paradisíacas, dietas de desintoxicação, raw food, yoga e massagens. Com o grande complemento da “desintoxicação digital”. Celulares desconectados são a garantia de momentos únicos consigo mesmo e com a natureza. Os pacotes mais recomendados pelas celebridades e pobres mortais são nas Maldivas, Caribe, Peru, Malta, Mallorca e Ibiza e duram 7, 10 ou 15 dias.

Guarde estas palavras: sale, saldi, rebajas, soldes Liquidação na Europa é algo único. Bem diferente dos outlets americanos, com descontos o ano inteiro e peças de outros carnavais, aqui a pechincha tem dia, hora e coleção marcada. Também não é como no Brasil, onde muitas peças não entram na promoção. Funciona mais ou menos assim: na lei da paciência. Se você foi na loja em setembro e caiu de amores por uma ou muitas coisas, é só esperar que elas vêm para você, pela metade do preço, depois do Natal. Entretanto, cada país tem regras, datas e até leis distintas. Na Alemanha e na Áustria, por exemplo, não existe nenhum regulamento e as lojas podem oferecer descontos quando desejarem, enquanto outros países têm datas fixas. É preciso informação para aproveitar o melhor das sales. Se for vir nesta época, esvazie as malas e anote minhas dicas secretas: • Na Inglaterra, tudo começa no “boxing day” (26 de dezembro). Itália recorta os preços ainda na ressaca do 2 de janeiro, apesar de que alguns lugares começam no dia 5. Na Espanha, as rebajas vêm mais tarde, depois dos Reis Magos, no dia 7 de janeiro. Quem for para a França, tem de esperar até 12 de janeiro. E na Alemanha, do meio para o final do mês. • O primeiro dia é sagrado para sapatos, bolsas, jaquetas de couro e, claro, para aquelas peças que você vem namorando há muito tempo. Todo o resto pode esperar. O importante é conseguir percorrer várias lojas e arrematar estas preciosidades antes das concorrentes. Arme-se de paciência, use flats e brigue se o objeto de desejo valer a pena! • Os provadores estarão lotados, as filas gigantescas e por isso minha melhor dica é: preste atenção nas condições de devolução, já que elas podem ser sua maior aliada. Em quase todas as lojas, a “return policy” (anote esta expressão) é de 15 a 30 dias. Isso significa que se ficar na dúvida ou não quiser experimentar, você tem tempo de devolver e de receber seu dinheiro de volta! Guarde bem o recibo, mantenha a etiqueta na peça e cative um aumento de limite no cartão de crédito. • Todas as compras acima de 90 euros numa mesma loja (podem ser de vários recibos, até mesmo de dias diferentes) dão direito a receber os impostos de volta no aeroporto. Peça o formulário no caixa da própria loja. Em inglês, “global refund”, “tax back” ou “tax free”. Em espanhol, é válida a mesma terminologia, mas, se não entenderem, peça “la hoja de reembolso/devolución del IVA”. • Se for ficar mais tempo, dê uma passada nas lojas semanalmente, já que os descontos são progressivos e vão diminuindo. Além do mais, as lojas recebem mais estoque durante todo o período de liquidação. 77


agendaverde ranulfo borges ran.borges@ig.com.br

Ecologicamente correta A

Toctao Engenharia acaba de conquistar duas certificações importantes: a do Sistema de Gestão Ambiental, ABNT NBR ISO 14001:2004, e a do Sistema de Gestão da Saúde e Segurança do Trabalho, OHSAS 18001:2007. Para obter as certificações, a empresa promoveu a mudança dos hábitos relacionados à segurança, à saúde e ao meio ambiente, principalmente dentro dos ambientes das obras. Os certificados são mais um passo da Toctao Engenharia rumo ao desenvolvimento sustentável. Coordenadora do Sistema de Gestão Integrado (SGI) da empresa, Ana Clara Schreiber explica que as certificações fizeram a Toctao avançar na formalização dos processos ligados ao meio ambiente e à saúde e segurança do trabalhador. “Estes processos nos dão condições de analisar e avaliar o Sistema de Gestão, identificando oportunidades de melhoria e implementando-as”, afirma. No total, a empresa investiu dois anos em adequações de processos, que atingiram toda a cadeia da construção civil. Até

n Loft Construtora apresenta o Residencial Ecovillaggio, erguido na Avenida Castelo Branco, dentro do conceito de sustentabilidade. O projeto coloca em destaque o tradicional quintal das casas. Na área de lazer, os moradores contarão com imensas mangueiras cinquentenárias. O condomínio também terá reaproveitamento da água, energia solar e coleta seletiva. n Pesca para consumo e transporte em Goiás está suspensa durante a piracema, período de desova dos peixes que vai de outubro a março. Fica proibida a pesca para consumo e transporte de qualquer quantidade de peixe. Está liberada apenas a pesca amadora em reservatórios para consumo no local. n Em 11 anos de existência, o Programa Estações de Reciclagem Pão de Açúcar Unilever já arrecadou cerca de 60 mil 78

Ana Clara: certificações fazem a toctao avançar na área de sustentabilidade

mesmo os fornecedores tiveram de fazer mudanças para se adequar às exigências ambientais, pois, para desenvolver uma obra ecologicamente correta, não basta adequar apenas os processos internos, mas monitorar a matéria-prima das construções desde a sua extração, para saber se foi executada dentro das normas ambien-

tais, até o descarte final dos resíduos. Para o diretor da empresa, Alan Alvarenga Menezes, as certificações possuem impactos que vão além da valorização de questões de imagem. “Elas organizam os processos, evitam o retrabalho. Criam uma engrenagem ritmada que gera ganhos para toda a sociedade”, diz.

toneladas de material reciclável, entre papel, vidro, plástico e alumínio (além de óleo, em algumas unidades), em todo o Brasil. Os materiais são doados para 32 Cooperativas de Reciclagem, beneficiando mais de 721 famílias.

florestal do Ministério do Meio Ambiente, Tasso Azevedo. A redução estimada das emissões totais sofreu queda de 35% entre 2005 e 2011, num período em que as emissões aumentaram 9% em todo o mundo.

n Questões sociais preocupam bem mais o brasileiro do que as ambientais, aponta pesquisa realizada para o Programa Água Brasil. Temas como aquecimento global e contaminação de rios são lembrados por apenas 7% dos entrevistados. Para os brasileiros, os principais problemas que afetam o País são saúde (70%), desemprego (53%), fome (50%), corrupção (42%) e educação pública (39%). Meio ambiente ficou em penúltimo lugar.

n MMA divulgou que a taxa de desmatamento da Amazônia Legal caiu 27% entre 2011 e 2012, em comparação com o ano anterior, mas o índice de desmatamento na região continua expressivo. Neste período, a Amazônia perdeu área equivalente a mais de três vezes o tamanho da cidade São Paulo.

n Em 2012, o desmatamento deixou de ser o principal responsável pelas emissões de gases efeito estufa no Brasil. Em compensação, os setores de energia e agricultura assumiram o posto. É o que aponta estudo do engenheiro

n As emissões globais bateram novo recorde em 2011, mostra pesquisa do Instituto de Energia Renovável da Alemanha (IWR), com aumento de 2,5% superior ao último recorde de emissões do planeta, registrado em 2010. China e EUA aparecem como os países que mais poluíram em 2011. O terceiro lugar ficou com a Índia. Brasil ocupou a 12ª posição.


urbanismo

Espaço público

sustentável

Parceria entre iniciativa pública e privada realiza primeira praça ecológica de Goiânia

Maquete da praça consciente, que será construída no setor marista: piso poroso garante permeabilidade da água

M

uito já se falou sobre o conceito de sustentabilidade e de como a relação entre progresso e preservação ambiental pode ser melhorada a partir de ações simples. Reconhecida internacionalmente pela grande quantidade de áreas verdes que possui, Goiânia é uma cidade propícia ao exercício de ações sustentáveis, que podem vir a torná-la modelo de crescimento econômico consciente. A cidade é considerada hoje a capital brasileira com melhor qualidade de vida, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Neste cenário surge a primeira praça sustentável da Capital, criada pela Consciente Construtora e Incorporadora em parceria com a Prefeitura de Goiânia. Aliando sustentabilidade à beleza, conforto, glamour e inovação, o lançamento marca também o início da construção da Praça Consciente, no Setor Marista, que terá o mesmo conceito sustentável da Calçada Consciente, iniciativa premiada adotada pela prefeitura no Eixo

Universitário. Na Praça Consciente, o gramado é substituído por outra vegetação, combinada com piso drenante, o que diminui a quantidade de água empregada na manutenção durante o período de seca. Poroso, o piso garante permeabilidade ideal, com a passagem rápida de até 90% da água, evitando enxurradas, alagamentos e que o lixo seja levado pela água, entupa bueiros e contamine mananciais. Parte da água absorvida é retida em caixas, abaixo da superfície, e pode ser reaproveitada para irrigação. Contêineres são reutilizados em substituição à alvenaria. A ação é sustentável, já que as grandes caixas utilizadas para transportar mercadorias durante cerca de 10 a 15 anos e que seriam descartadas na natureza encontram nova utilidade, podendo durar até 90 anos. Garrafas pet, responsáveis por grande volume nos lixões e aterros sanitários e contaminação do solo, também serão reaproveitadas para a construção de uma horta vertical.

79


ZELObeleza Hannah motta hannahmotta@gmail.com

Sensações Banho Alegre, Banho Encantador e Banho Romântico. Avon Águas e Brisas traz nova coleção para prolongar a sensação de frescor do banho no dia a dia.

NOVIDADES

Inspiração Em homenagem à garota-propaganda da Givenchy, Liv Tyler, o diretor criativo da marca, Nicolas Degennes, lançou o batom e gloos Lively Pink. O produto reage de acordo com o PH dos lábios e confere um tom específico para cada pessoa.

Fotos: divulgação

Limpeza A Vichy lança no Brasil a Pureté Thermale Espuma de Limpeza. O produto, que tem propriedades hidratantes e calmantes, é ideal para peles sensíveis. Promete limpar sem ressecar.

Natura Protetor Labiall FPS 60 Além da alta proteção contra os raios UVB e UVA e FPUVA igual a 1/3 do FPS, o Protetor Labial Hidratante protege, previne o ressecamento dos lábios e oferece hidratação intensa.

Prático e eficiente O beauty balm, Hydra Life BB Cream da Dior combina hidratação, proteção solar e cor para a pele do rosto em um único produto.

Natal Embalado pelo alto-astral que o Natal inspira, O Boticário selecionou quatorze opções de estojos das linhas de perfumaria e cuidados pessoais para não errar no presente de fim de ano.

Batons A nova linha de batons Yves Saint Laurent, Rouge Pur Couture Golden Lustre, traz nove cores com partículas de brilho. A coleção foi desenvolvida por Lloyd Simmonds. 80


Rua C-155, QD.326 LT.13 Qd.326 Lt.13 - Jardim America (62) 3259-7503 – (62) 9637-9544

81


cosmética

Nova geração de protetores solares Fabricantes adequam produtos a novas regras exigidas para garantir saúde da pele

Sem a proteção adequada, Raios solares podem causar problemas que vão de envelhecimento precoce a câncer de pele

Foto: GOODFON.COM

Hannah Motta

A

proteção contra os raios solares deve ser um hábito. Os efeitos da exposição excessiva aos raios UVB e UVA vão do envelhecimento precoce da pele a casos mais graves, como o câncer de pele. O cuidado deve ser tomado durante o ano todo, mas é no verão que se reforça essa necessidade. Hoje em dia, as pessoas estão mais conscientes da importância do uso de protetor solar, mesmo assim, apenas 21% dos lares brasileiros protegem-se contra o sol. O uso do protetor solar não deve ocorrer apenas em dias ensolarados, os produtos de proteção devem ser de uso diário. De acordo com a dermatologista Vanessa Penteado, a exposição ao sol é uma das principais causas do envelhecimento precoce da pele. “Os raios ultravioleta UVB apresentam maior intensidade durante o verão. Os efeitos da radiação solar, como manchas, pintas, envelhecimento precoce e o câncer de pele, não surgem de imediato, porém, é provável que esses efeitos se manifestem na pele daqui a alguns anos”, explica a dermatologista. Daí a importância de seguir alguns cuidados para que a estação mais quente do ano seja cheia de energia e segurança. Em junho deste ano, os produtos de proteção solar utilizados pela população brasileira ganharam novas regras para garantir a proteção da pele dos usuários. Uma das principais mudanças adotadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária é que o valor mínimo do Fator de Proteção Solar (FPS) vai aumentar de 2 para 6 e a proteção contra os raios UVA terá que ser de no mínimo 1/3 do valor do FPS declarado. O FPS mede a 82

proteção contra os raios UVB, e o FP UVA, a proteção contra os raios UVA. Além disso, é proibida qualquer alegação de 100% de proteção contra radiação solar ou a indicação de que o produto não precisa ser reaplicado. Desde 2011, a Natura Fotoequilíbrio, por exemplo, já atende a estas regras e suas fórmulas garantem que o FPUVA é igual a 1/3 do FPS. Para o verão de 2012/13, traz embalagens com uma nova linguagem, mais clara e informativa, que explica e conscientiza o consumidor a respeito do que são e o que causam os raios UVA e UVB. A marca é a primeira a colocar em destaque o Fator de Proteção Solar. Mercado A população se mostra mais esclarecida quanto à necessidade de se proteger e o mito de que a aparência saudável é a de pele bronzeada começa a ser derrubado, deixando espaço para comportamentos mais conscientes, com aproveitamento somente dos benefícios do sol, como a síntese de vitamina D, a regulação do ritmo biológico e o bem-estar. No último ano, o Brasil ultrapassou os Estados Unidos e hoje tem o maior mercado mundial de proteção solar. Além disso, é a categoria que mais cresce no ramo dos cosméticos, fragrâncias e higiene pessoal. Segundo Renata Eduardo, gerente de Marketing das categorias rosto e proteção solar da Natura, entre 2008 e 2011, o crescimento em consumo de proteção solar foi de 17,4%. “É um mercado em constante expansão, embora essa categoria ainda seja pequena frente a outras categorias como sabonetes, produtos de cabelo e perfumes”, afirma.


estética

Equipe especializada em beleza Le Touche oferece as mais modernas técnicas para deixar corpo e pele bonitos Foto: hektaphoto´s - igor leonardo

B

eleza e saúde andam de mãos dadas no Le Touche. Com uma equipe experiente e atualizada, aliada a modernas técnicas e equipamentos, o complexo oferece opções para quem procura pele e corpo mais bonitos e saudáveis. Luciana Gonçalves é dermopigmentadora e designer de sobrancelhas. Dentre suas atribuições, realiza maquiagem de longa duração e sobrancelha fio a fio. Virgínia Gontijo está há quase quatro anos na empresa. Durante a semana, faz limpeza de pele, massagem modeladora, massoterapia e drenagem linfática e, aos finais de semana, maquiagens impecáveis para noivas. Fátima Souto é esteticista facial e corporal com 22 anos de profissão, responsável por limpeza de pele, bambuterapia, massagens relaxantes e modeladoras, drenagem linfática pré e pós-operatória. Ana Paula ajuda suas clientes a rejuvenescer, clarear, revitalizar e hidratar a pele, aplicando peeling de diamante, mecânico e químico, massagem relaxante, drenagem corporal, facial e reflexologia. O lifting facial é feito antes da maquiagem das noivas, para hidratar e descansar a pele, gerando resultados perfeitos. Gisely T. Bernardo é fisioterapeuta especialista em Dermato Funcional. Ela usa o Power Plate, equipamento com tecnologia da Nasa, aliando fitness, fisioterapia e estética. Faz também depilação a longo prazo com luz pulsada, usada ainda para clarear manchas na pele, eliminar acne e fotorrejuvenescimento, junto com peeling químico. Usa ainda a Heccus Terapia Combinada, ultrassom de alta potência que elimina gordura e celulite.

Av. T-1, 2.326 - Setor Bueno 62 3251-2240

Gisely T. Bernardo, Fátima Souto, Virgínia Gontijo, Ana Paula Brito Aguiar e Luciana Gonçalves fazem parte da equipe de estética. power plate é um dos tratamentos disponíveis

Tratamentos oferecidos: Reflexologia podal, Bambu massagem, Toalhas quentes aromatizadas, Drenagem linfática, Hot Stone massagem (pedras quentes), Massagem Zen para casais, Massagem modeladora e relaxante, Endermologia com aparelho, Ultrassom, Drenagem linfática pré e pós-operatória, Argiloterapia térmica, Banho de lua hidratante, Peeling diamante com aparelho, Estética facial e limpeza profunda com eletroterapia, Peeling químico, Microcorrente isometria, micropigmentação estética e design de sobrancelha. Banhos de imersão • Ervas aromatizadas • Flores perfumadas • Frutas • Argila enriquecida • Vinho Micropigmentação e design de sobrancelhas • Maquiagem de longa duração • Sobrancelha fio a fio • Delineador dos olhos • Depilação egípcia facial • Henna • Design de sobrancelhas

SPA Organics • Estimulante • Sensual • Relaxante Rituais de Beleza Facial • Máscaras faciais de chocolate, ouro, maçã vermelha, turmalina, argila, vinho SPA Gourmet • Chocolaterapia • Vinhoterapia • Café-terapia

Rituais de beleza para pés e mãos • Escalda-pés • Massagem com óleos vegetais • Deslizamento com pedras • Máscaras hidratantes para as mãos com cremes nutritivos • Deslizamentos com bambu

83


carros astero motta astero@revistazelo.com.br

Audi leva 19 modelos para o salão Tecnologia, esportividade e luxo! A alemã Audi apresentou no Salão do Automóvel as maiores novidades da montadora e os modelos recém- apresentados no Salão de Paris. Entre os destaques estava o Audi R8 GT Spyder, modelo mais caro da marca no país, que chega ao mercado brasileiro custando R$ 1,2 milhão. Outros destaques eram o Audi A3 Sportback, veículo compacto de cinco portas – com amplo espaço no compartimento de bagagem; o Audi A3 Sport; os esportivos da família S (Audi S6, S7 e S8); os superesportivos Audi R8 GT Spyder e Audi R8 Special Edition.

Salão do Automóvel

Hyundai revela HB20X

A 27ª edição do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, que aconteceu de 24 de outubro a 4 de novembro de 2012, no Parque Anhembi, contou com grandes lançamentos do mercado de automóveis. Considerada um dos maiores eventos automobilísticos da América Latina, a feira contou com cerca de 500 veículos expostos e mais de 40 marcas que produzem de carros populares até veículos de alto luxo.

O salão foi palco da primeira exibição pública da versão aventureira do recém-lançado HB20, que vem com itens como proteção de borracha nos para-choques, frisos nas laterais e espelhos retrovisores externos prateados. Ele estreia no Brasil só em março. O novo HB20X foi criado com o objetivo de atender consumidores com perfil ousado e explorador. O carro virá completo e apenas com motor 1.6 flex, de 122/128 cv, combinado com câmbio manual ou uma caixa de transmissão automática.

Fotos: divulgação

Toyota Prius chega em janeiro

Centro de Treinamento

O destaque da Toyota no Salão de São Paulo ficou com o anúncio da chegada do Toyota Prius ao mercado brasileiro em janeiro de 2013. Veículo híbrido com aproximadamente 3 milhões de unidades vendidas, é o principal símbolo de carro sustentável da Toyota, que chega ao Brasil na sua terceira geração. O Prius, que é equipado com dois motores, um a combustão e outro elétrico, será importado do Japão e custará R$ 120 mil.

A Volkswagen do Brasil inaugurou em novembro o Centro Regional de Treinamento exclusivo da marca em Goiânia (GO), que é um dos mais avançados da Volkswagen no mundo, contando com o que há de mais inovador em tecnologia, equipamentos e infraestrutura. Com aproximadamente 1.500 m², o novo centro tem capacidade para oferecer 6,6 mil horas anuais de treinamento.

84


CTRL

REGGIE MORAES reggiemoraes@hotmail.com

D4 Boteco Galeria

Fotos: divulgação

Lollapalooza Já estão à venda ingressos deste que é um dos maiores festivais de 2013. A edição paulistana do Lolla ocorre nos dias 29, 30 e 31 de março no Jockey Club. Pearl Jam, The Killers, Black Keys, Deadmau5, Crystal Castles, Feed Me, Franz Ferdinand, Flaming Lips, Two Door Cinema Club, Hot Chip, Kaiser Chiefs, Steve Aoki, Cake e Criolo são alguns dos nomes confirmados mais interessantes. Uma loucura! http://www.lollapaloozabr.com

São Paulo não para! Segundo semestre cheio de estreias... O D4, um mix de galeria de arte, boteco gourmet e clubinho, inspirado nos points do SoHo em Nova York, abriu suas portas em região nobre dos Jardins. O projeto foi simbologicamente e misticamente inspirado em torno do número 4, a raiz de tudo. Das 4 sócias, os 4 elementos da natureza (terra, fogo, água e ar), as 4 estações do ano e até no trevo de 4 folhas, que simboliza a sorte. Confira o site, mais imagens e a programação. http://www.d4botecogaleria.com.br/

Música para os olhos “Música para os olhos” é um projeto realizado por Giancarlo Lorenci e Tânia Jungblut, que reúne vários artistas provenientes de diferentes “backgrounds”, convidados a produzirem imagens se inspirando no título. Entre os convidados inseridos nas páginas do livro/projeto estava o artista goiano Marcelo Solá. www.hypnorder.tv ou hypnobooks.

História da moda brasileira

Mono Club O Club fez sua estreia no Baixo Augusta no início deste semestre, mostrando que a vida boêmia desta região não para de se fortalecer. O Mono é um Club pequeno para quem gosta de bom serviço e boa música, seguindo uma decoração que mistura retrô e alta tecnologia divididos em dois ambientes, bar e pista. O bar abre as portas das 21h às 23h, para quem quer apenas saborear um drink & snacks com os amigos. Após as 23h, as portas da pista são abertas com boa música e ótimos DJs. Acesse! http://www.clubmono.com.br/

O Museu de Arte Brasileira (MAB), em São Paulo, apresentou recentemente exposição que fez um passeio pela história da moda brasileira, traçando a trajetória do segmento no País e seu desenvolvimento ao longo dos anos. A mostra esteve dividida em dez núcleos, como Criadores Contemporâneos, Pau-Brasil, Publicações, Indústria e Comércio, Modistas, Novíssimos e Cara do Brasil. Entre os estilistas participantes estavam Clô Orozco, Jum Nakao, Lenny Niemeyer, Marcelo Sommer, Ronaldo Fraga, Samuel Cirnansck, Gloria Coelho e Walter Rodrigues. www.faap.br/ hotsites/moda-brasil/galeria.asp 85


ZELOin redação@revistazelo.com.br

Fotos: divulgação

Caue Barcelos no HotSpot Dedicado à criação audiovisual para o segmento moda, Caue Barcelos, diretor de fotografia e idealizador do projeto Paralello Filmes, inscreveu-se no Movimento HotSpot e foi selecionado. Apaixonado pela sétima arte e dono de um olhar sofisticado e moderno sobre a moda, Caue desenvolveu o making of do editorial da edição comemorativa dos 5 anos da revista Zelo, além do vídeo de campanha do estilista Lucas Silveira e o da campanha Inverno/2012 de Kleyson Bastos. “Este projeto (HotSpot), que é uma premiação nacional, descobriu estilistas que estão sendo referência, ditando tendências no mercado. Para mim, ser um representante goiano, principalmente na categoria Filme e Vídeo, é muito importante”, revela Caue animado. A partir de fevereiro de 2013, os vídeos circularão nos festivais regionais do MHS, passando por 10 capitais brasileiras: Natal, Recife, Brasília, Porto Alegre, Vitória, Belo Horizonte, Salvador, Belém, São Luis e Rio de Janeiro.

Justiça em festa Muita diversão e um cardápio regado a deliciosas iguarias árabes. Assim foi a festa de confraternização do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal em Goiás (Sinjufego), realizada em novembro de 2012 no Clube de Engenharia. Em meio a uma identidade visual cheia de arabescos, véus e cores, Brazil Nunes, Carolina Skorupski e Erlon Max Alves dos Santos comemoraram a casa cheia.

Fortes Os irmãos Gustavo e Otávio Fortes tocam o escritório Forte Advogados. Herdeiros do DNA jurídico do falecido Eli Alves Forte, que presidiu a seccional goiana da Ordem dos Advogados do Brasil na década de 1990, eles atuam principalmente nas áreas administrativa, sindical, pública, empresarial e trabalhista. Gustavo também é árbitro em mediação e arbitragem imobiliária. Já Otávio, concomitantemente, é conselheiro e dirigente de comissão na OAB-GO e presidente do Instituto Goiano de Direito Constitucional. 86


Novo escritório O arquiteto Daniel Almeida completa oito anos de mercado com escritório e site novos. Com foco na interação entre técnica e ambiente, ele visa resultados que, além de dar sustentabilidade ao projeto, beneficiem tanto a funcionalidade quanto a estética espacial em seus mínimos detalhes. www. danielalmeidaarquitetura.com.br

Passeio na Disney

Fotos: acervo pessoal

Maria Tereza Veras e José Luis Pinheiro, proprietários do Hakone Japanese N’Fusion, levaram seus dois afilhados para uma viagem à Disney. Davi, de 2 anos, e Pedro, de 4, visitaram os parques temáticos e tiveram seu primeiro contato com a língua inglesa. Foram sete dias de muita cultura e diversão!

Sofiscação em alto mar

Holiday, celebrate! Seja feliz e divirta-se. Este é o mote da coleção alto verão Triagem Jeans para 2013. A composição dos looks incita aquele momento de entusiasmo que chega junto com o feriado tão esperado. Flúor, laranja, amarelo, verde e lilás predominam, equilibrados pela elegância dos pretos e off white. Rendas, paetês, linho e lurex trazem brilho e luxo. Mesclado a isso, peças cheias de recortes, apliques e spikes, tendências que não poderiam faltar. Peças conceito, com alfaiataria, jeans curret fashion, brin color e neutro, denin lavado e beneficiado com foil. Brilho e tachas também chegam com tudo. Uma apologia ao alto-astral!

O maior, mais luxuoso e mais completo navio europeu já está navegando pelos mares brasileiros. O navio MSC Fantasia foi inaugurado pela apresentadora Xuxa Meneghel, madrinha da frota italiana no país. O navio MSC, com quase 138 mil toneladas e 333 metros de comprimento, promete ser a sensação dos mares na temporada 2012/2013 no país. São 18 andares de muito requinte e sofisticação. O cruzeiro, com capacidade para 4.363 hóspedes, possui cinco piscinas, sendo uma coberta com teto retrátil, 12 hidromassagens, 25 elevadores e um teatro para 1.500 pessoas, além, é claro, de um maravilhoso cassino.

Parceria de luxo Eis que surge mais uma novidade quentíssima para as aficionadas em semijoia. As empresárias Márcia Brandão e Moema Tavares uniram seus talentos e criaram a MM Deluxe. A marca tem como foco peças que privilegiam as pedras naturais. Beleza e sofisticação em forma de acessórios. O atendimento é personalizado. Então, se você ficou curiosa e quer ver estes mimos. 87


sOCIAL

Clube 56 Cultura e gastronomia abrilhantam o sofisticado programa de benefícios criado pela Toctao-Rossi para movimentar o estande do empreendimento de alto padrão Parque Flamboyant 56. Criada para fidelizar clientes com uma sequência de encontros exclusivos, a iniciativa tornou-se uma excelente opção de lazer e entretenimento em família. O chef André Barros e o humorista Luiz França foram alguns dos talentos que fizeram parte da programação. Fotos: hectafoto´s - Igor leonardo

Aderson Maia e Joyce Furtado

Frederico Machado e José Humberto 88

Humorista Luiz França

Cassim Zaiden e Pedro Antônio

Letícia Lourenço e Carlos Henrique

Chef André Barros

Ronaldo, Glória, Carlos Gomes e Bruno Monteiro

Karla Lobo, Renato Hanna e Eliane Carvalho

Foto: thalles frederico


heroismo equipe faz treinamento a cem metros de altura: a vida por um fio

Fotos: hektaphoto´s - igor leonardo

Nas alturas Equipe de bombeiros enfrenta treinamento arriscado para realizar operações de salvamento em prédios de Goiânia Geovane Gomes

E

m 1933, Pedro Ludovico Teixeira fundava no centro do Brasil uma nova capital goiana. Quem poderia imaginar que a cidade, inicialmente planejada para pouco mais de 50 mil habitantes, alcançaria a marca de mais de um milhão de moradores? Os galhos secos e retorcidos do cerrado deram lugar para avenidas, viadutos e muitos prédios. Sem espaço para crescer horizontalmente, a cidade ganhou ares de metrópole. Os edifícios fizeram por merecer o sinônimo de arranhas-céus e em pouco tempo fizeram de Goiânia uma cidade vertical. E é lá do alto que guerreiros se lançam ao desafio de proteger sua gente. Os homens de vermelho, que estão sempre de prontidão para salvar vidas, agora se especializam em salvamentos em altura. A mais recente turma é formada por 21 jovens militares do Corpo de Bombeiros

de Goiás. Com a coordenação do Capitão Hélio Loyola Gonzaga, eles se preparam por mais de dois meses para atender ocorrências, como é o caso de incêndios em apartamentos e tentativas de suicídio. Identificados apenas pelo número grudado no capacete, aos poucos, um a um, os jovens bombeiros se lançam a uma altura de quase 100 metros. Basta apenas um sinal de positivo dado pelo capitão e lá vão eles deslizando prédio abaixo. Em pouco mais de dois minutos eles estão em solo firme e com a sensação de dever cumprido. Quem vê a bagunça que esses rapazes aprontam no topo do prédio usado como simulador de ocorrência, não imagina a responsabilidade que cada um deles carrega. Eles vivem com a vida por um fio, literalmente, mas pouco importam com o tamanho do gigante a ser enfrentado. Para eles, o fio mais importante é aquele que sustenta a vida do próximo. 89


social

Festa ultra premium Cîroc Badalado, chique e delicioso! Assim foi o lançamento do flavour: Cîroc Peach, da marca ultrapremium de vodca. Na piscina da casa do empresário e DJ Ruben Fontes, para um público de VIP’s, a noite de degustações foi embalada pelo set do DJ Bruno Dantas.

Ruben Fontes, Wilder Moraes e Vanessa Gualberto

Bárbara Costa, Adriano Rocha e Raquel Aranha

Marcelo Aizman e Murilo Marques

Mirella Mascarenhas e Vinícius Toledo 90

Tatiana Borges, André Vilarinho e Leo Romano


Foto: hektaphoto´s - gustavo castro

Daniela Palmerston, Fabiana Maldi, Hafisa Bitencourt e Adriana Rezende

Daniel Fontes e Ruben Fontes

Pedro Ernesto e Carol Lobo

Túlio Ribas, Eduardo Gutierrez, Nanda Rocha e Leonardo Mozart

Mariana Cardoso Monteiro e Rodrigo Seronni Frota

Célio Vinícius e Letícia Segovia Pontes

DJ Bruno Dantas e Ruben Fontes

Carlos Eduardo, Alessandra Câmara e Handerson Pancieri

Raul Ivo e Carine Rocha 91


sOCIAL

Rosângela Motta, Rildo Lasmar e Bel Lasmar

Brindando mais uma edição O coquetel de lançamento da 21ª edição da revista Zelo foi animadíssimo! A festa, realizada do deck do Restaurante Ad’oro, no Goiânia Shopping, foi marcada por muita descontração. O evento contou com a presença de parceiros e colaboradores da revista, além dos amigos e imprensa.

Foto: hektaphoto´s - igor leonardo

Liliane Lobo, Tana Lobo e Marcelo Moura

Pedro Paulo, Lêda Machado e William Hanna

Isis Passos e Fernando Fontenele 92

Daniela Haick Mallard e Júlio Cruz

Eliane Mendonça e Ronaldo Mendonça


sOCIAL

Kariny Moreira, Dulce Moreira e Gabriela Vilella

Marly Siqueira, Stephania Ataídes, Valéria Junqueira e Tânia

Nara Marques e Alessandro Garibaldi

Márcia Albiéri, Fátima Mesquita e Regina Amaral

Marina Arantes e Bruno Arantes

Marcílio Velasco, Luciana Finholdt e Luiz Carlos Lopes

Kátia Gaioso, Túlio César e Patricia Sepulveda

Ana Paula Munhoz e Gabriela Saback

Fausi Humberto e Ângela Motta

Anderson Sousa

Fernando Rodrigues e Isabelle Capuzzo 93


sOCIAL Foto: hektaphoto´s - igor leonardo

Lucíola Correa e Rogério Ribeiro

André Moreira, Claydson Francisco e Humberto Marra

Jezus Marcos Ataide e Valéria de Oliveira

Hélio Leonardo, Igor Leonardo e Hélio Júnior

Laurismar Antônio e Lucimar Cardoso

Arthur, Madalena Marques e Sérgio Marques

Wanessa Cruz e Sandro Tôrres

Leandro Gonçalves e Élida Cristina 94

Maria Eloisa e Ana Luiza Costa

Ricardo Lima, Ivana Arantes, Eliane Santolin e João Camargo

Eliane Garcia e Sérgio Sarmento


95


sOCIAL Fotos: luciana moreira

Responsabilidade social Ações sustentáveis para garantir qualidade de vida. Este foi o mote usado pela Coca-Cola para realizar seu 6º Encontro de Comunicação e Sustentabilidade. O evento foi no restaurante Ad’oro do Goiânia Shopping.

Fábio Debiase, Cristiano de Araújo Lopes, Adriano Oliveira, Douglas Lacerda, Vinícius Alves e Diego Fernandez

Ranulfo Borges e Edna Gomes

John William, Paulo Henrique e Marcílio Velasco

Astero Motta, Handerson Pancieri e Douglas Lacerda

Fotos: solimar oliveira e leo iran

Comemorando a maioridade À frente de uma superprodução no Oliveira’s Place, Ivone Silva comemorou em 2012 a maioridade de seu Troféu Persona. São 21 anos de muita garra e dedicação à frente de um evento que tem como premissa homenagear em vida pessoas de destaque que a colunista elege na sociedade, em diferentes segmentos.

Marcelo Gomes, Luciana Daher e Giuseppe Vecci

Marly Mendes e Valéria Noleto

96

Giselle Fava e Leon Deniz

Rildo Lasmar e Ivone Silva


sOCIAL

Maria Dolores em Goiânia Influências étnicas e rock fazem parte da coleção Verão 2013 da designer paranaense Maria Dolores, que inaugura sua primeira franquia de semijoias em Goiânia. Quem trouxe a novidade para o Setor Marista foi a empresária Giselle Machado. Fotos: hektaphoto´s - igor leonardo

Aline Lobo e Clau Oliveira

Giselle Machado e Maria Dolores

Sheyla Doumit

Fórmula momomomom

Flávia da Justa e Júlio Labate

Alexandre Accioly, Luís Urquiza, João Paulo Diniz, Mário Esses e equipe inauguraram a primeira unidade goiana da Rede Fórmula de academias. O empreendimento, que fica no 4º piso do Goiânia Shopping, tem vista panorâmica para o bosque.

Luís Urquiza, João Paulo Diniz e Mário Esses 97


social Fotos: divulgação

Arte crua O lançamento do catálogo “Cru”, de Sandro Tôrres, foi um sucesso. Distribuído gratuitamente em exposição homônima na Época Galeria de Arte, o material é formado por uma série de 17 desenhos e tem curadoria de Aguinaldo Coelho.

Wanessa Cruz e Sandro Tôrres

Giovan Cabral

Sandra Mendez

Viviane Brum, Wanessa Cruz e Cristina Lopes

Fotos: solimar oliveira e leo iran

Tradição e prestígio Mais do que comemorar com os amigos, o tradicional evento de aniversário do programa “Pelos Bares da Vida” presta homenagem àqueles que fizeram parte de sua história e apoiam o projeto ao longo do ano. Com o slogan “19 anos de bem com a vida”, em 2012, José Guilherme Schwam recebeu seus convidados em mais uma animada e prestigiadíssima festa no Master Hall.

Mirian Mansur, José Guilherme Schwam e Leopoldo Moreira

Romel Sena e José Guilherme Schwam 98

Cristiano de Araújo e José Guilherme Schwam


social Fotos: cristiano borges

Crônicas de Francisco Barros “Viagem Rumo a Quatro Estações”, lançado pela Editora Interativa, teve badalada noite de autógrafos na Acieg. O primeiro livro autoral de Francisco Barros é uma coletânea de crônicas escritas a partir de suas experiências pessoais.

Cristina de Mattos e Helenir Queiroz

Francisco Barros autografa o seu livro “Viagem Rumo a Quatro Estações”

Hélverton Baiano e Edival Lourenço

Fotos: Ângela Motta

Salto alto Em 2012 as empresárias Maria Eloisa Silva e Ana Luiza Costa comemoraram o lançamento da Ambrée, com um refinado coquetel, prestigiado por Camila Rego, da Zeferino. A loja, assim como seus sapatos e acessórios, tem estilo contemporâneo, misturando referências clássicas e atemporais com peças modernas e joviais. Um luxo para mulheres jovens e maduras, que encanta os olhos e embeleza os pés.

Maria Eloisa Silva, Camila Rego e Ana Luiza Costa

Mara Inês Silva, Maria Eloisa Silva e Maria José Barbosa

Luciane Silveira

Camila Martins, Marina Martins e Lígia Martins 99


100


101


102- Anúncio – Herreira - Ok

102

Zelo 22  

Vigésima segunda edição da Revista Zelo