Page 1

R$ 5,00 Ano 2 Edição Nº 15

Isabele Malavasi Cacciolari é

A Garota da Capa

Página 23

Aniversário

Revista O Comércio comemora seu primeiro ano de circulação Página 3

Dia da Criança

Acilpa e parceiros promovem grande festa na Concha Acústica Página 4

Festival do Livro

A Cidade do Livro homenageia o seu personagem mais ilustre Página 5

A Serviço da Comunidade.

Feira de Tecnologia

Escola Idalina Canova de Barros recebe mais de 3 mil visitantes Página 7

É rock, bebê!

Lençoenses marcam presença no Rock in Rio 2011. Confira! Página 18

Outubro

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Rosa A cor rosa remete à beleza, à saúde, ao romantismo. No mês de Outubro, em prol da mobilização social de prevenção ao câncer de mama, ambientes de acesso público são iluminados com essa tonalidade. A cada ano, cresce a adesão a esse movimento mundial que nasceu nos Estados Unidos, na década de 90, e vem aquecendo os corações por todo o planeta. A Casa Branca, a Torre de Pisa, o Sydney Opera House já se “vestiram” de rosa pela causa. No Brasil, o Cristo Redentor também “abraçou” o movimento, além desse ícone brasileiro, o Jardim Botânico e a Ópera de Arame, em Curitiba, também foram iluminados de rosa, assim como, outros importantes monumentos nas capitais Brasília, São Paulo e Salvador. Aqui, em Lençóis Paulista, lançamos nossa singela participação e “pintamos” de cor-de-rosa a capa da Revista O Comércio, que nesta edição completa seu primeiro aniversário. Que seja um arauto de boa vontade e fé. Que nossa cidade também abrace essa idéia pela saúde da mulher. Participe. Faça o que estiver ao seu alcance por todas as mulheres.

REVISTA


2

Opinião

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Editorial

Até aqui! No dia 10 de Outubro comemoramos um ano da Revista O Comércio. Nossos parceiros e leitores vão perceber que a data será marcada pela mudança de formato do nosso veículo de comunicação. Abrimos mão do tradicional tablóide e apresentamos o berliner – utilizado por revistas de porte nacional como a Piauí, além de vários diários europeus, incluindo o Le Monde, na França, o La Repubblica, na Itália e o jornal The Guardian, do Reino Unido. Aqui na região, o jornal Bom Dia também adotou o formato. Com isso, atingimos um objetivo que consideramos primordial na linha editorial do nosso periódico: oferecer mais informações e aprofundar o conteúdo das matérias dentro de um projeto gráfico que possibilita melhor ilustração e diagramação, sem perder a praticidade física da nossa publicação mensal, ou seja, fácil de ler e levar. Embora tenhamos mudado o formato, nossa pretensão continua a mesma: informação de qualidade e relevância no que tange o desenvolvimento econômico proporcionado, em grande parte, pelo setor comercial e prestação de serviços,

Carta Lençóis Paulista, 28 de outubro de 2010.

sem negligenciar a indústria, que em diversas áreas, é referência internacional. Ponto importante também para nossa equipe é que sempre iremos privilegiar os empreendedores que são exemplos de luta e vitória. Também, estarão em nossas páginas, matérias sobre capacitação e aprimoramento, para orientar empresários e jovens rumos à profissionalização de empresas, mais que isso, de pessoas. Queremos evidenciar as atividades culturais da Cidade do Livro. Também buscamos apresentar as ações de pessoas anônimas que fazem toda a diferença para o bem da comunidade, para a preservação do patrimônio histórico e cultural e, claro, para proteção de nosso planeta. Sabemos que ainda há muito a ser feito e esperamos estar no caminho certo. Neste cenário, todos são importantes. Comemoramos um ano e reforçamos nossa filosofia de trabalho, de que a opinião de todos, clientes, leitores, profissionais envolvidos no processo, são fundamentais para o sucesso da Revista O Comércio. Todos estão convidados a partilhar o primeiro pedaço deste bolo!

Caro amigo Prado! Estamos bem à vontade para escrever esta mensagem, pois conhecemos de longa data suas lutas e suas vitórias. Sabemos do grande esforço para chegar a este momento de festa. Na vida as coisas, às vezes, aparentam andar muito devagar. Entretanto, cada tijolo assentado sobre o alicerce é mais um passo dado em direção ao sucesso. Contudo, o importante é não parar. Por menor que seja o avanço na direção certa já é um progresso. Aquilo que for feito com grandiosidade de alma hoje, amanhã será ainda maior. O grande alicerce de todo empreendimento reside na alma do empreendedor, quando a alma é grande, tudo pende a ser maior ainda. Continue andando e fazendo, mesmo que a correnteza tente afastá-lo do objetivo, não pare de remar. Ninguém vence “sentado a contemplar as estrelas do céu”, principalmente, nas horas de grande sacrifício, tribulação e lutas. É lutan-

do e combatendo com o bom combate que se chega à vitória. O que ontem parecia impossível, hoje se tornou possível, melhor ainda, realizável. O que ontem parecia difícil, hoje se tornou fácil, isso acontecerá a toda manhã e todo anoitecer, se continuar movendo para frente. A cada momento intenso e apaixonado que você se dedicar ao seu objetivo, um pouquinho mais você se aproximará dele. Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado. Mas, seja lá o que for, continue. O importante é não parar, pois, só assim, alcançará a indelével marca dos empreendedores ímpares. Um grande abraço. Que Deus continue a abençoá-lo, junto das pessoas que estiverem ao seu lado, oferecendo o ombro amigo para suportar o peso dessa empreitada. São os mais sinceros desejos daqueles que, verdadeiramente, torcem por você e sua equipe. Marcos e Gisele Toledo

EDITORA RESPONSÁVEL: Gazeta Paulista Empreendimentos Editoriais Ltda. | CNPJ: 01.782.039/0001-70. COMERCIALIZAÇÃO E PRODUÇÃO: Bistrô Serviços de Publicidade Ltda. - ME. Rua 13 de Maio, Nº 1.347, Centro, Lençóis Paulista, CEP: 18683-370 CNPJ: 10.744.028/0001-97. TIRAGEM: 8.000 exemplares. CIRCULAÇÃO: Agudos, Borebi, Lençóis Paulista e Macatuba. DIRETORES: Anderson Prado de Lima e Breno Medola. EDITORA CHEFE: Kátia Gisele Sartori (MTB 46.650). REVISTA O COMÉRCIO: (14) 3264-8187 e 3263-6886 | ocomercio@revistaocomercio.com.br | www.revistaocomercio.com.br. Artigos assinados são de responsabilidade de seus autores, portanto, podem corresponder ou não à opinião desta revista.

Deus não gosta de desperdício No Evangelho de São Mateus vemos uma interessante passagem acompanhada de uma grande lição que pode ser aplicada no nosso cotidiano. O assunto é sobre economia e irmandade. Na bíblia diz: “Todos comeram e se fartaram; e dos pedaços que sobejaram recolheram ainda doze cestos cheios” (Mt; 14:20). Poucas são as passagens bíblicas que aparecem nos 4 Evangelhos: Mateus, Marcos, Lucas e João. Essa da qual falaremos, Deus fez questão que fizesse parte de todos eles. Ela aparece em Mateus 14:20; Marcos 6:43; Lucas 9:17 e João 6:13, sempre destacando que: “foram recolhidas as migalhas ou pedaços que sobraram”, numa demonstração de que as sobras devem ser recolhidas e, certamente, reaproveitadas, evitando assim o esbanjamento. Nem sempre usamos as sobras, na maioria das vezes jogamos no lixo ou damos para nossos animais de estimação, por exemplo, mas podemos propiciar que outros seres humanos as usem. Aquilo que sobeja em nosso celeiro e, às vezes é atirado fora, será suficiente para saciar a fome de alguém. Acredito que todos que estão lendo este artigo já presenciaram, em algum lugar, quantidades de comidas sendo jogadas no lixo. O nosso Deus não é chegado a desperdício e nos ensina a dar valor mesmo naquilo que nós não vemos valor. No contexto da parábola da multiplicação citada acima, para aqueles que deixaram a sobra de um pequeno pedaço de pão certamente não tinham idéia do valor dos pães, mas que quando recolhidos perfizeram doze cestos, quantidade aparentemente boa para saciar a fome de muita gente. O que sozinho é pouco, reunido forma grande conjunto. Vamos nos unir e fazer das migalhas sobejadas um grande celeiro que, se não conseguimos acabar com a fome, pelo menos amenizaremos a aflição em nossos irmãos, daqueles que precisarem. Observar esse detalhe social que assola uma grande camada da população brasileira é essencial, pois, Deus não gosta de desperdício! Marcos Ap. de Toledo Advogado, empresário e teólogo


Acontece :: Aniversário

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Ano 2 E ntramos no ano 2. Dia 10 de Outubro de 2010, chegava às mãos dos leitores a Revista O Comércio, um veículo de comunicação disposto a mostrar pessoas, iniciativas, projetos e empresas importantes para nossa economia. A proposta da revista é

humanizar, mostrar que além da empresa existem pessoas empreendedoras, que merecem ser homenageadas. Com esse norte, mas sem esquecer o compromisso com a comunidade e com o meio-ambiente, seguimos confiantes que muitos outros aniversários serão comemorados.

Parabéns

lar sobre as pessoas que trabalham e prosperam”. João Luiz Boarato, Presidente da SICOOB CRED-ACILPA

“Quero dar os parabéns para toda a equipe da Revista O Comércio pelo primeiro aniversário desta publicação que incentiva e valoriza o comércio lençoense. Suas edições apresentam ações, estratégias e soluções que mostram a criatividade e a determinação de empresários que fazem do comércio local uma referência na

é um orgulho também fazer parte do crescimento desse projeto”. Jonadabe José de Souza, Presidente da ASP

região, além de gerar emprego e renda”. Izabel Cristina Campanari Lorenzetti, Prefeita de Lençóis Paulista Foto: Revista O Comércio

“Parabenizo o comércio de Lençóis porque tem se modernizado e como consequência tem conseguido segurar o público e os clientes. A Revista O Comécio veio para ocupar um espaço dentro da comunidade, uma vez que traz informações e conhecimento de confiança e credibilidade. Meus parabéns pelo aniversário de um ano da revista. A equipe toda es-

Foto: Revista O Comércio

“A vinda da Revista O Comércio foi uma grande satisfação para a ASP. A revista sempre traz informações sobre o comércio em geral e noticia as atividades que acontecem aqui na associação, nossas festas, nossos convênios e parcerias. É um aliado importante na divulgação do nosso trabalho. Apoiamos a revista desde seu nascimento há um ano e

Aqui tem Revista O Comércio. É grátis!

Foto: divulgação

Foto: Revista O Comércio

“Empresas progridem quando se faz com profissionalismo e competência. Enquanto presidente da SICOOBCRED-ACILPA, que é uma cooperativa que atua pela classe empresarial lençoense, comemoramos também o primeiro ano de circulação da Revista O Comércio, que vem apresentando à cidade uma forma moderna e simples de fa-

3

tá de parabéns. Vocês estão no caminho certo”. Altair Toniolo, Diretor de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda Foto: Revista O Comércio

“Constituiu-se motivo de alegria para a Acilpa a circulação de O Comércio, que na certa veio assinar uma página no jornalismo escrito. Excelentes reportagens, colunas que destacam os mais variados assuntos e um conteúdo dos mais completos, fazem da revista uma leitura obrigatória da maioria dos lençoenses, a cada edição. Parabéns e mui-

tos anos de circulação, é o que desejo aos que fazem O Comércio”. José Antonio Silva, Presidente da Acilpa

Ø Jd. das Nações • Padaria Padoka: Av. Estados Unidos, nº 289 Ø Jd. Nova Lençóis • Padaria Qually: Rua das Araras, nº 481 Ø Núcleo H. L. Zillo • Padaria Padoka: Av. Vereador Dr. Hermínio Jacon, nº 624 • Farmácia Ludovico: Rua Luiz Baptistella, nº 287 • Padaria Padoka: Av. Nações Unidas, nº 117 Ø Pq. Rondon • Padaria Padoka: Rua Momo Tranqüilo, nº 194 • Padaria Pão de Mel: Av. Prefeito Jácomo Nicolau Paccola, nº 254 Ø Jd. Júlio Ferrari • Mercado Nascimento: Rua Emílio Rossi, nº 358 • Padaria Nativa: Av. Maestro Oliveira Capucho, nº 295 Ø Jd. Cruzeiro • Mercado Avenida: Av. Cruzeiro do Sul, nº 276 Ø Jd. São João • Mercadinho do Rachidi: Rua Camilo da Cunha, nº 20 Ø Vila Contente • Mercado Fontes: Rua Rodrigues Alves, nº 241 • Mercado Econômico: Rua Regente Feijó, nº 114 Ø Vila Mamedina • Padaria Nova Sensação: Rua Dr. Gabriel de Oliveira Rocha, nº 397 Ø Jd. Primavera • Mercearia VM: Av. Luiz Boso, nº 110 • Mercearia Primavera: Av. Luiz Boso, nº 214 Ø Cecap e região • Padaria Trigo de Ouro: Rua Henrique Losinskas Alves, nº 554 • Padaria Trigo de Ouro: Av. Procópio Ferreira, nº 557 • Padaria Trigo de Ouro: Rua Bandeira Tribuzi, nº 330 • Padaria Pão de Mel: Rua Henrique Losinskas Alves, nº 1.234 Ø Jd. Príncipe • Padaria Primícias dos Pães: Rua Luiz Vaz Pinto, nº 451 Ø Jd. Monte Azul • Padaria Nossa Senhora Aparecida: Rua Guaianazes, nº 669 Ø Jd. Caju I e II • Padaria Hot Pão: Av. Jácomo Augusto Paccola, nº 76 • Supermercado Placa: Rua Joaquim Gomes Machado, 224 Ø Jd. Bela Vista • Mercado Pag Menos: Rua Jalisco, nº 93 Ø Jd. Ubirama • Padaria Cantinho do Pão: Rua Marechal Dutra, nº 420 • Padaria Art Pão: Av. Marechal Castello Branco, nº 415 • Padaria Trigal: Av. Pe. Salústio Rodrigues Machado, nº 994 Ø Centro e região • Armazém Supermercado: Av. Pe. Salústio Rodrigues Machado, nº 206 • Padaria Pão & Opção: Av. Brasil, nº 810 • Padaria Art Pão: Rua 7 de Setembro, nº 484 • Revistaria Marquinho Correa: Dr. Antonio Tedesco, nº 663 • Didática Papelaria: Dr. Antonio Tedesco, nº 252 • Lençóis Revistas: Rua Ignácio Anselmo, nº 189 • Lavabem Lavador: Av. Nove de Julho, nº 890 • Padaria Trigal: Rua Geraldo Pereira de Barros, nº 697 • Churrascaria Estância Grill: Rua Geraldo Pereira de Barros, nº 1.054 • Chiquinho Sorvetes: Rua 15 de Novembro, nº 534 • Ramblas Livraria e Papelaria: Rua 15 de Novembro, nº 194 • Padaria Nossa Senhora Aparecida: Av. 25 de Janeiro, nº 566. Faça parte de nossa rede de distribuição. Sua empresa recebe gratuitamente nossa revista e presenteia seus clientes com uma nova edição. Envie um e-mail para comercial@ revistaocomercio.com.br ou ligue para 3264-8187.


4

Acontece :: Comércio

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Criança feliz

Festa levará conhecimento e diversão no Dia das Crianças Foto: Revista O Comércio

Organizadores do evento falam sobre a programação artística e atividades programadas para 12 de Outubro

O

utubro é o mês das crianças. Foi pensando num dia especial para os pequenos que a Acilpa (Associação Comercial e Industrial de Lençóis Paulista), a rádio Ventura e a Diretoria de Cultura se organizaram para oferecer um dia cheio de atividades. O evento ainda conta com apoio do Corpo de Bombeiros e Diretoria de Meio Ambiente. As atividades acontecem no dia 12 de Outubro, a partir das 13h30, na praça da Concha Acústica. Toda a família está convidada. “O intuito da festa é que mães e pais passem momentos agradáveis com seus filhos.”, comentou o presidente da Acilpa, José Antonio Silva, o Neno. O papel do evento é promover também o comércio lençoense, já que a entrada para a festa é um passaporte que pode ser retirado nas lojas associadas à Acilpa, após a

realização de uma compra de qualquer valor. “Os pais gastam dentro do comércio e ganham o cupom da felicidade para seus filhos. No dia, eles trocam o passaporte por um carimbo no estande da Acilpa e terão acesso livre para os brinquedos, comidas e bebidas”, explicou Neno.

Programação

A programação artística está bem diversificada. Enquanto os filhos brincam na cama elástica, no touro mecâ-

Programação Artística

nico e em outros brinquedos que estarão disponíveis para quem tem até 12 anos de idade, os pais poderão apreciar o concerto da Banda Experimental e outras cinco bandas.

Serviço

A festa será em 12 de Outubro, a partir das 13h30, na Concha Acústica. Para ter acesso aos brinquedos e outras atrações é necessário consumir nas lojas da cidade. Informações pelo telefone (14) 3263-0837.

• 13h30 - Banda Experimental • 14h - Banda da escola Guiomar Borcat • 15h - Desfile de Moda Infantil com figurinos das Lojas Silva • 15h30 - Banda da escola Idalina Canova de Barros • 16h - Banda da escola Lina Bosi Canova • 16h30 - Banda da escola Philomena Brinquesi Boso • 17h - Grupo de Dança da EMEF Maria Zélia • 17h30 - Grupo de dança Street Star

Outubro tem agenda cheia Jantar dos Empresários

Dia 15 • O tradicional Jantar dos Empresários promovido pela Acilpa (Associação Comercial e Industrial de Lençóis Paulista) este ano será realizado em 15 de Outubro. A festa será às 21h, no Lions Clube. Informações sobre convites e reservas de mesa pelo telefone (14) 32630837 ou pelo site www.acilpa.com.br.

Sebrae oferece curso e palestras

Dia 17 • Estão programados um curso e palestras do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) para empreendedores de Lençóis Paulista. As iniciativas têm apoio da Prefeitura, Acilpa (Associação Comercial e Industrial de Lençóis Paulista) e Ascana (Associação dos Plantadores de Cana do Médio Tietê). Entre os dias 17 e 22 acontece a Telessala Apreender a Empreender. As aulas serão no período noturno durante a semana e das 8h às 12h, aos sábados, no PAE (Posto de Atendimento ao Empreendedor). Ainda no dia 17 tem palestra sobre o Código de Defesa do Consumidor. O evento será às 19h, na Diretoria de Educação. Fechando a programação tem a palestra “Como evitar reclamações trabalhistas”, no dia 24, às 19h, na Diretoria

de Educação. Serviço • Inscrições e outras informações sobre o curso e palestras pelo telefone (14) 326-3955 ou pelo e-mail paelencois@lpnet.com.br.

Encontro da Adhonep

Dia 21 • A Adhonep (Associação de Homens de Negócio do Evangelho Pleno) realiza jantar de confraternização no Paulista Shopping para seus associados. Em Lençóis Paulista há 10 anos, a associação conta com nova gestão administrativa, composta por Carlos Dias na presidência e José Prado de Lima, o Pradinho, como vice. A finalidade da associação é reunir empresários para dividirem testemunhos em torno do crescimento e transformação espiritual e profissional. “Convidamos homens e mulheres de negócios, autoridades civis e militares, profissionais liberais e empreendedores para repartir experiências”, diz Pradinho. Fundamentado em princípios cristãos, o grupo não tem fins lucrativos, não é clube de serviço e não é vinculado a nenhuma denominação religiosa, por isso, todos podem participar da Associação. Mais informações sobre a entidade pelos telefones (14) 81563156 com Carlos Alberto, 9734-9514 com Pradinho ou 3263-7060 com Vera.

Banda Maskavo

Dia 22 • A Banda Maskavo se apresenta na Vip em Lençóis Paulista. O show celebra os dois anos da revista Agacê. “Teremos a edição especial de dois anos que será lançada dias antes do evento, com a premiação das melhores empresas da cidade”, comentou Glauco Romani, sócio da revista. O grupo é conhecido pelo estilo dançante, letras sobre amor, natureza, espiritualidade e hits como “Um Anjo do Céu”, “Asas” e “Folhas Secas”. Os músicos são de Brasília. Os convites do primeiro lote custam R$ 20. Os pontos de venda são: Lojas Silva, Choperia Quinta Santa Cecília, O Boteko, W Modas (Cecap), Academia Corpo em Movimento e Brother’s Rock (Paulista Shopping). Informações pelo (14) 9733-3616 ou www.revistaagace.com.br.

Festa do Servidor

Dia 28 • Em comemoração ao dia do Servidor Público, no dia 28 de Outubro a ASP (Associação dos Servidores Públicos) realiza festa no Grêmio Recreativo Lwart. O evento é marcado por buffet completo, música e distribuição de brindes. “A diretoria sempre procura melhorar a festa. Todos os servidores públicos associados estão convidados para participar com evento”, resumiu Jonadabe José de Souza, presidente da Associação.


Acontece :: Cultura

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Celebrando a leitura Festival do Livro propõe difusão e resgate da obra de Orígenes Lessa; um dos maiores renomes da literatura brasileira Foto: Espaço Cultural Cidade do Livro

Ensaista, roteirista, jornalista e escritor são apenas algumas das facetas do mais ilustre filho lençoense

E

ntre os dias 17 e 28 de Outubro, a Diretoria de Cultura de Lençóis Paulista realiza o 3º Festival do Livro. Este ano o escritor Orígenes Lessa será o tema das discussões, reforçando a tradição literária do município. “É fundamental ter em Lençóis um festival com essa temática. Literatura compõe a alma dessa cidade, cujo maior orgulho é a Biblioteca Municipal Orígenes Lessa”, resume Nilceu Bernardo, diretor de Cultura. É difícil mensurar a importância do jornalista e escritor lençoense para a população local. Orígenes deixou seu nome para sempre entre os grandes da literatura nacional, sendo eleito imortal da Academia Brasileira de Letras em 1981 e por receber diversos prêmios pelos seus romances. Destaque pa-

ra “O Evangelho de Lázaro”, “Rua do Sol”; “A Noite sem Homem” e o “Feijão e o Sonho”, que também o consagrou entre o público infantil.

Encontro de Literatura

Como parte do Festival do Livro, no dia 21 acontece o 3º Encontro de Literatura Infanto Juvenil. O objetivo é incentivar o hábito da leitura entre crianças e jovens, favorecendo a criatividade, a imaginação, reflexão e argumentação. De acordo com Nilceu, é muito importante que a criança, jovem ou adulto encarem a leitura como fundamental para seu desenvolvimento pessoal e profissional. Na programação do encontro, vários artistas e autores de destaque nacional. Este ano, os visitantes poderão conhecer um pouco

mais sobre ilustrações. Dentre os palestrantes estão a design gráfica carioca Graça Lima, que já ilustrou mais de 50 livros no Brasil e no exterior, o desenhista de quadrinhos Eloar Guazzelli, que em 1995 recebeu o troféu HQ Mix na categoria desenhista revelação e o paulistano Maurício Negro, ilustrador de mais de 100 livros, também está incluído na programação.

Serviço

Quem quiser assistir as palestras do Encontro de Literatura Infanto Juvenil deve procurar a Casa da Cultura Maria Bove Coneglian (rua Sete de Setembro, nº 934) ou o Espaço Cultural Cidade do Livro (Rua Pedro Natálio Lorenzetti, nº 286). Mais informações pelo telefone (14) 3263-3123.

5


6

Acontece :: Comércio

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Hora da brincadeira Trabalho temporário Para quem possui qualificação nas áreas comercial, industrial ou de serviços este é o momento certo para procurar pelo emprego temporário. Com o aumento na demanda de fim de ano, as empresas começam a contratar colaboradores para suprir suas necessidades neste período distinto. O temporário é um profissional contratado por uma empresa - pela Lei 6019/74 - para atender à necessidade transitória de substituição de seu pessoal regular e permanente ou a acréscimo extraordinário de serviços, como os picos sazonais de vendas, como por exemplo, o fim de ano. São inúmeros os casos em que o trabalhador temporário é admitido no quadro permanente da empresa quando presta serviços com responsabilidade e competência. E por outro lado, a empresa também se beneficia. O trabalhador temporário tem os mesmos direitos trabalhistas e previdenciários que um empregado contratado pela CLT por tempo determinado, são eles: remuneração equivalente à dos empregados da mesma categoria da empresa calculados à base horária; jornada de 8 horas; férias proporcionais de 1/12 avos por mês trabalhado acrescidas de 1/3 do seu valor; repouso semanal remunerado, desde que cumprida a jornada semanal integralmente; adicional por trabalho noturno, se houver; 13º salário proporcional de 1/12 avos por mês trabalhado; depósitos fundiários no FGTS; proteção previdenciária e seguro acidentes do trabalho; registro na Carteira de Trabalho e Previdência Social - CTPS na condição de temporário. O trabalhador temporário ainda tem o direito do benefício do vale-transporte obrigatório por lei. Os demais benefícios podem ser concedidos por liberalidade da empresa ou em obediência aos acordos coletivos de trabalho. O prazo máximo de duração do contrato de mão-de-obra temporária é de três meses e pode ser prorrogado por mais três meses somente uma vez. Silvio Medeiros Contabilista e Educador Financeiro

É

dia de ganhar brinquedo”. Com essa frase, a pequena Lívia Ribeiro Braga, cinco anos, define o 12 de Outubro. A data é importante para o comércio brasileiro devido ao aumento nas vendas. “A expectativa esse ano é que as vendas tenham crescimento de 5 a 7% em relação ao mesmo período do ano passado”, avalia Ana Lúcia Grandi, proprietária da Cambalhota Brinquedos. A dúvida que os pais enfrentam no Natal, persiste também no Dia das Crianças. A maioria não sabe como presentear o filho. “É difícil inovar no presente porque mesmo eu querendo dar uma coisa diferente, minha filha sempre pede uma boneca”, explicou a esteticista Osana Ribeiro Braga, mãe de Lívia. A preferência entre os meninos continua sendo carrinhos, bolas, bonecos de personagens de desenhos animados e super heróis. Hot Wheels (carros em miniaturas), Batman, Toy Story, Homem Aranha são exemplos dos brinquedos de sucesso. Luiz Gustavo Cândido, de sete anos, explica. “O boneco do Max Steel que quero salva as pessoas. Por isso, que pedi para minha mãe”. Já entre as garotas, a campeã de vendas é a Barbie. A boneca mais famosa do mundo já passou dos 50 anos, mas resiste a mudanças

Comerciantes esperam aumento nas vendas com o Dia das Crianças, neste mês Foto: ilustração

de gerações, acompanhando transformações da moda e de questões universais como sustentabilidade e ecologia. Algumas meninas, entretanto, preferem os ursos de pelúcia. É o caso de Beatriz Romanholli Machado, também de sete anos. “Quero um ursinho branco porque é muito fofo. Prefiro ganhar ursinho do que a boneca, já tenho muitas”, esclarece Beatriz. Para Ana Lúcia, empresária do setor, a televisão é quem comanda o que se vende. “Eles procuram o que a mídia está expondo no momento. O brinquedo que está passando na TV com certeza é o mais vendido”, explica.

Aprender brincando

Os brinquedos educativos são ótimas opções para desenvolver as habilidades das crianças. No traço mágico ou lousa mágica, meninos e meninas podem treinar destreza e criatividade sem precisar de giz, tinta, lápis ou qualquer mecanismo eletrônico.

Agito

Para entreter a garotada com muita adrenalina, nada mais indicado que os brinquedos de rodas. Patinetes, miniveículos, bicicletas e skates são os que encabeçam a lista. Alguns cuidados, entretanto, devem ser tomados ao uso desses brinquedos. O mais aconselhável é dar junto com os patins, por exemplo,

um kit de equipamento de segurança composto por capacete, joelheiras e cotoveleiras. Porém, na era tecnológica, os brinquedos estão seguindo a mesma tendência. Cada vez mais os meninos se encantam com robôs que andam e falam e os vídeos games de ultima geração, enquanto as meninas pelas bonecas que tem sensores para rir, chorar, conversar na presença delas. Os fabricantes de brinquedos apostam na tecnologia para atrair, além dos adultos, as crianças também. “Meu filho tem 12 anos e não quer saber de carrinho. Esse ano ele me pediu um Playstation”, contou a cabelereira Elen Bruno. O mais importante é que os pais verifiquem se o presente escolhido tem o selo do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologo), obrigatório em qualquer brinquedo comercializado no Brasil, independente do produto ser nacional ou importado. São inspeções referentes ao respeito da indicação etária na embalagem e o tamanho das peças que o integram. Tudo para evitar acidentes e garantir um ótimo dia das crianças.

Serviço

Caso o consumidor encontre produtos com o selo falsificado ou sem o selo no mercado formal, denunciar à Ouvidoria do Inmetro: 0800-285-1818.


Acontece :: Educação

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Feira do conhecimento

Lousa digital, museu tecnológico e videogames antigos, foram algumas das atrações da Feira Tecnológica realizada na escola Idalina Canova de Barros

O

crescimento e aperfeiçoamento tecnológico trazem benefícios para a sociedade. Para discutir esse tema, a escola municipal Professora Idalina Canova de Barros realizou a 1ª Feira Tecnológica, entre os dias 21 e 23 de Setembro. O objetivo do evento foi mostrar para crianças e adolescentes que a tecnologia é algo que vai além da informática, por exemplo. “Percebemos que os alunos usam o tempo que ficam no computador para coisas não-educativas. Por isso, decidimos trazer o mundo deles para dentro da escola e promover a feira”, resumiu a diretora Clarice Aparecida Alencar Garcia. A feira contou com a presença da prefeita Izabel Lorenzetti, do diretor de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda, Altair Toniolo e alunos de outras escolas, tanto públicas quanto particulares. Os estudantes utilizaram recursos tecnológicos que estão a sua disposição para falar de diversos temas, como esportes, mídia, bullyng, empreendedorismo, cinema. Entre os destaques da feira, a história da escravidão no Brasil, contada por meio de fotos do teatro vivo, encenado pelos alunos da sexta

Foto: Revista O Comércio

série e que propôs a inversão de papéis: brancos sendo escravizados por negros. Em três dias, a feira recebeu a visita de aproximadamente três mil pessoas. Professores tiveram palestras para aperfeiçoar o uso dos recursos tecnológicos nas atividades escolares.

Sustentabilidade

Sustentabilidade foi o foco do estande de ciências. O jogo de palavras de ‘SutentHabilidade’ deu nome ao Tumblr, um tipo de rede social. “Para ser sustentável tem que ter habilidade”, esclareceu a professora de ciências, Mariel Arantes. Também foi possível conferir que o casamento entre leitura e tecnologia é perfeito para alfabetização e acúmulo cultural. Rádio e poesia, banner e literatura, filmadora e música, são exemplos apresentados na feira. João Victor Martins, 12 anos, aluno da sexta série, contou como foi o processo de criação do projeto da sua sala, chamado “Cordel Encantado”, verdadeiro incentivo à leitura. “Primeiro tivemos que entender o que é cordel, pesquisar e assistir um vídeo sobre o tema. Depois cada grupo criou seu próprio cordel, passou pa-

ra o computador e expôs. Foi cansativo, mas valeu a pena”, avalia.

Tecnologia

Equipamentos como videogames e a lousa digital não poderiam ficar de fora do ‘Museu da Tecnologia’. O espaço foi montado com arrecadações de professores e alunos e manteve diversos meios de comunicação à disposição daqueles que não conheciam. Foi a chance de matar a saudade da máquina de escrever ou conhecê-la. A criançada se divertiu com os videogames antigos e atuais no estande “Serviços e Soluções Tecnológi-

cas” e puderam jogar Atari 2000, Playstation e Xbox. O MimioTeach (lousa digital) transformou quadros brancos em interativos com ferramentas similares as de um computador, permitindo assim que o professor lecione de forma mais dinâmica. Em meio a tanta tecnologia, o trabalho de apoio a crianças com dificuldades de aprendizado, desenvolvido pela professora Cássia Seiva, chamou a atenção. “Temos o computador adaptado com jogos para essas crianças que precisam de total atenção para adquirir conhecimento”, contou a professora.

7


8

Informática & Tecnologia

Luto

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Ilimitado

Novo serviço da Vivo possibilita conexão ilimitada entre usuários, com praticidade e economia

A O mundo da informática e tecnologia começou o mês de luto pela morte de Steve Jobs, fundador da Apple. Ele faleceu no dia 5 de Outubro, aos 56 anos, vítima de câncer no pâncreas. Steve Jobs era considerado o grande responsável pela ascensão da Apple do posto de empresa combalida ao status de companhia com maior valor de mercado do mundo. Sob sua gestão, a companhia foi responsável por revoluções nos mercados de música, telefonia celular e computadores. Os equipamentos com prefixo “i”, que na pronúncia em inglês significa “eu”, tornaram-se objetos de desejo dos consumidores e sinônimo de ameaça para os concorrentes.

operadora Vivo acaba de lançar o Vivo Direto, serviço de voz com conexão direta e ilimitada para ligar de maneira mais prática. A cobertura é a mesma do telefone celular, mas com o serviço PTT (Push to Talk) da Vivo, o famoso “rádio”, que promete estremecer o mercado. “São 65 milhões de usuários com potencial de uso. Em apenas dois meses, já conquistamos 60 mil usuários de Vivo Direto”, ressaltou Felipe Denadai de Campos, representante da operadora na região. Apesar de parecer rádio, é mais do que um aparelho de radiofonia. Para começar não é necessário trocar o número do celular e não é preciso dois aparelhos, já que ele funciona no Vivo Pós que permanece com as mesmas vantagens de SMS, internet 3G e chamada de voz. O diferencial é a conexão ilimitada “Quem pode usufruir do Vivo Direto são os clientes do Vi-

vo Pós que inserem o serviço em sua linha pelo valor de R$ 29,90 e adquirem o aparelho que tenha o serviço PTT”, explicou Felipe Denadai. De acordo com Felipe, são inúmeros os benefícios do novo serviço da Vivo, como maior economia para chamadas locais e de longa distância nacionais em mais de 3.663 municípios, prática e rápida comunicação entre amigos, podendo ter até sete pessoas numa mesma chamada. “Por ter ampla cobertura e operar em qualquer frequência, 2G ou 3G, onde tem Vivo, existe comunicação, ou seja, em todo país. Também é possível a criação de um grupo com até 29 pessoas ao mesmo tempo. Funciona como um MSN, no qual as pessoas ficam online no sistema. Dessa forma, o usuário cria um grupo e clica nas pessoas com quem quer conversar. É simples, prático e rápido”, esclareceu o empresário. Com proveitos exclusi-

vos, como lista de contatos com status de presença e serviço de chamada em espera, o Vivo Direto possibilita unir pessoas que por algum motivo estão separadas. “A comunicação aberta e ágil entre todo território brasi-

leiro sem pagar nada mais por isso, permite conexão 24 horas por dia. Um pai que tem o filho estudando em outra

Foto: divulgação

cidade ou outro Estado, um empresário que tenha sua equipe viajando todo o tempo, por exemplo, podem se comunicar a vontade sem pagar deslocamentos e DDD’s”, concluiu Felipe.


Emprego & Carreira

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Investimento para o futuro A

diretoria de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda de Lençóis Paulista tem buscado ampliar o número de cursos profissionalizantes oferecidos por meio de parcerias com o governo do Estado e outros órgãos administrativos. “O objetivo dessas ações é aumentar a chance da população de encontrar um emprego”, resume o chefe da pasta, Altair Toniolo, o Rocinha. Até o mês de Outubro foram oferecidos programas, todos gratuitos, voltados para qualificação profissional que em falta, limita o aumento de empregos. “Sabemos que em Lençóis tem oportunidades de empregos, o que estamos carentes é de qualificação. Nossa meta é enobrecer o perfil do profissional, criando assim oportunidades trabalhistas”, explicou Rocinha. Já em andamento está o programa de qualificação profissional Via Rápida, parceria com o governo do Estado, que tem como objetivo oferecer cursos básicos profissionalizantes de qualidade de

Diretoria de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda investe em cursos Foto: ilustração

acordo com a demanda do mercado de trabalho regional. As pessoas que se inscreveram para os cursos de auxiliar de modelagem e roupa, caldeiraria básica, eletricista instalador, informática, panificação e confeitaria, soldador e pedreiro, já receberam o telegrama de resposta do Estado e começarão as aulas no Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) a partir de 10 de Outubro. Com mesmas características do Via Rápida, em parceria com a Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho, são oferecidos cursos de pedreiro e eletricista para quem está desempregado. Durante o curso, o aluno também receberá bolsa para suprir necessidades que precisar. Outra parceria de sucesso foi com o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) para o curso de artesanato em fibras naturais de cana. Em novembro começa o Escola de Negócios, voltado para pequenos empreendedores, mas a diretoria ainda não pode divulgar detalhes do curso.

São 64 vagas para o curso de Operador de Microcomputador

Senai oferece vagas gratuitas

O Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) de Lençóis Paulista está com vagas abertas para cursos em diversas áreas. Inscrições podem ser feitas no Posto de Atendimen-

to ao Trabalhador, que fica na rua Coronel Joaquim Gabriel, nº 11, com apresentação de RG, CPF e comprovante de endereço. Menores de 18 anos devem apresentar documentos dos pais ou responsáveis. Confira as vagas no quadro abaixo:

• Curso: Operador de Microcomputador 64 vagas Idade mínima: 16 anos Horários: das 7h30 às 11h30 ou das 13h30 às 17h30 • Curso: Auxiliar de Departamento Pessoal 64 vagas Idade mínima: 16 anos Horários: das 7h30 às 11h30 ou das 13h30 às 17h30 • Curso: Desenhista Copista 32 vagas Idade mínima: 16 anos

Nascido em São Caetano, Paulo Sérgio Souza se mudou para Lençóis Paulista ainda criança para morar num sítio. Aprendeu muitas coisas sobre manutenção e administração de uma propriedade rural. Aos 17 anos, mudou-se para a zona urbana e conseguiu seu primeiro emprego formal, numa fábrica de papel. Ele trabalhou por seis dias. Acabou sendo despedido porque não estava totalmente envolvido com suas funções, conforme ele próprio lembra. “Eu fazia meu serviço, era ajudante de empacotamento, mas quando terminava ia conversar com meus colegas de setor. Meu chefe falava pra eu fazer outra coisa para não ficar ocioso, eu obedecia, mas continuava o papo”, lembra. A experiência de seu primeiro trabalho ele próprio define como catastrófica, hoje é lembrada com bom humor, mas ficou uma lição importante e quem sabe até uma dica para quem está procurando ingressar no mercado de trabalho. “Não se deve conversar mais do que trabalhar”, brinca. O segundo emprego foi numa fábrica de biscoitos. Foram dois anos e meio de experiência,

em várias funções. A partir daí Paulo teve uma atitude diferente. “Ali aprendi que seriedade é fundamental para se progredir no mercado de trabalho”. Quando saiu da fábrica de biscoitos, mais maduro profissionalmente, foi trabalhar em uma rádio e partir de então parece ter encontrado sua verdadeira vocação. E a história de Paulo ensina que toda experiência, independente da área, pode ser útil para o futuro e sucesso profissionais. Atualmente, aos 59 anos, dirige o próprio negócio de sonorização de eventos agropecuários. “Faz 20 anos que tenho minha própria empresa. Foi uma caminhada longa, mas com muitos aprendizados. E mesmo depois de tanto tempo, ainda não esqueci as lições que meu primeiro emprego me proporcionou. Acredito que valeu a pena ter passado por tudo isso”, conclui Paulo. Foto: Revista O Comércio

Paulo Sérgio Souza é empresário do ramo de sonorização

9


10

Empresário do Mês

Lençóis Paulista Outubro de 2011

É mais amor

Foi na vendinha do pai que Armando Orsi iniciou a vida de comerciante; hoje os Supermercados Santa Catarina são reconhecidos e respeitados por toda a comunidade Foto: divulgação

O

s Supermercados Santa Catarina comemoram 56 anos em Outubro. A Revista O Comércio aproveita a data para contar essa história que emociona. Em 1955, surgia na rua 9 de Julho o Empório Santa Catarina, que ficou conhecido como vendinha. À frente do empreendimento estava a família Orsi. Armando Orsi é o ícone da marca e a comunidade o conhece, carinhosamente, como Armandinho. Ele é o nosso homenageado do mês. As fotos antigas decorando a parede das lojas denotam que o comércio acompanhou o desenvolvimento de Lençóis. “Eu vivi todas as etapas desta caminhada, todas as transformações. Os clientes mais antigos, quando saem para ir comprar em nossos supermercados dizem: ‘vou lá no Armandinho’ como sempre fui conhecido. Já os mais novos dizem: vou lá no Santa”, brinca. Há casos de três ou quatro gerações da mesma família frequentando o supermercado. Natural de Lençóis, Armandinho morou próxi-

O empresário Armando Orsi conta a história do Santa Catarina no mês em que o supermercado comemora 56 anos de fundação

mo à Estação Sorocabana. Quando tinha nove anos, a família se mudou para a Usina Pouso Alegre e depois para a Fazenda dos Patos. Embora desde muito jovem tenha atuado com o comércio, começou trabalhando com a fabricação de tijolos. Nas horas vagas, colhia limão no sítio e ia vender na cidade. Depois passou por uma fábrica de macarrão, oficina mecânica e até no histórico Bar Guarani. Quando o pai faleceu, Armandinho assumiu o comando da venda, juntamen-

te com as irmãs. “Minha adolescência e juventude foram extraordinárias, mas cheias de responsabilidades. Fui muito feliz”, resume.

Evolução

O comércio na década de 50 e 60 era bem diferente. Armandinho e as irmãs tinham que pesar todas as mercadorias e atender pessoalmente todos os clientes no balcão. Mas, segundo o comerciante, era muito gratificante saber o nome de cada freguês e conversar com todos.

Para vencer as dificuldades, muita força de vontade. “Eu só havia cursado os quatro anos primários e só pude voltar a estudar quando uma escola da cidade passou a oferecer aulas noturnas. Lá me formei em Contabilidade”, lembra. A formação ajudou nos negócios. Com o passar do tempo, Armandinho conseguiu aumentar sua participação societária no Empório e a ‘vendinha’ finalmente se transformou em supermercado. “Posso também falar da grande inauguração da Loja 2, na avenida Brasil no dia 7 de Setembro de 1974 e muitas outras inaugurações e reinaugurações”, recorda. Nessa longa jornada Armandinho colecionou momentos felizes e contou com apoio de várias pessoas: a mãe, as irmãs, a experiência dos sócios mais velhos, bons funcionários e funcionárias e, claro, a esposa Youli. Hoje ele também pode contar com os filhos Ricieri, Elaine e Tânia, o genro Ronaldo e o cunhado Claudinor, além dos sócios Benedito, Osvaldo, Darci e Pedro.


Lençóis Paulista Outubro de 2011

Pés no chão Foto: Revista O Comércio

Lena conquistou seus clientes pelos pés e hoje possui uma das lojas de calçados mais frequentadas de Lençóis Paulista

Q

uando Marilene Aparecida Scudilho, conhecida por Lena, mudou-se para Lençóis Paulista com objetivo de abrir seu próprio negócio, não imaginava que conquistaria tantos clientes. Natural de Bariri, Lena faz parte de uma família de oito irmãos. Aos 12 anos, foi morar em Jaú, município destacado pelo forte comércio de calçados. Foi assim que Lena começou a conhecer esse universo. Na adolescência, Lena passou a trabalhar como ‘sapateira’, um serviço que ainda existe, mas é cada vez mais difícil de encontrar. “Meus pais não me pediram para que eu começasse a trabalhar, mas como era de uma família humilde, resolvi procurar em-

A empresária do mês, Lena, aprendeu tudo sobre conserto e venda de calçados e trouxe experiência para clientes de Lençóis Paulista

prego numa fábrica de Jaú. Aprendi a consertar sapatos e adorei”, conta. A irmã mais velha de Lena, tinha um brechó de roupas e a apresentou ao comércio. Foi assim que a empresária começou a vender sapatos. “Eu tinha uma ‘sapataria’ em casa com sete funcionários. Mas minha irmã falava para eu abrir meu brechó. Gostei da idéia e decidi procurar um local para começar. Conheci Lençóis e decidi que seria aqui”. Mais do que uma oportunidade econômica, Lena encontrou em Lençóis muita receptividade. Ela começou com a loja Lena Breshop, com roupas e sapatos. Para quem não é fami-

liarizado, os brechós são lojas de artigos de segunda mão. Esse tipo de estabelecimento surgiu no século 19, para pessoas de menor poder aquisitivo. No século 21, os brechós voltaram com tudo. Esse tipo de comércio é frequentado principalmente por quem vive antenado ao mundo da moda e tem tudo ver com a ideia de reaproveitamento e sustentabilidade.

Sucesso!

O sucesso da Lena Breshop foi imediato. O diferencial era que ela comprava, diretamente da fábrica, calçados que apresentavam algum defeito e acabam sendo descartados para a comercializa-

ção. Antes de repassá-los aos clientes, consertava-os. “Não dávamos conta. Os calçados vendiam no mesmo dia em que eram colocados na loja. Teve até um final de ano que tive de fechar a loja bem mais cedo por falta de mercadoria”. Além de trabalhar muito com consertos e vendas, Lena ia para Jaú todos os dias. “Em épocas de promoções, tinha que fechar as portas, porque a loja ficava lotada. Os lençoenses me receberam com carinho porque também sabiam que a mercadoria era boa e barata. Ficava alegre de ver meu comércio cheio”. Lena faz questão de dizer que sempre contou com apoio do seu marido Adriano Donizete, sua funcionária Rosana Gonçalves com quem trabalhou oito anos, e seu filho Eduardo, que desde pequeno a acompanhou na rotina de trabalho. “Sem saber, já estava preparando meu filho para tomar conta dos negócios. Hoje, aos 20 anos, quem toma as rédeas da administração das lojas, é o próprio Eduardo”. São 30 anos de trabalho e quatro lojas, sendo duas em Lençóis, uma em Agudos e outra em Laranjal Paulista. Esforço e dedicação valeram a pena.

Empresária do Mês

11


12

Automercado

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Os 10 mais baratos

Imagens ilustrativas. Fonte: internet

Hoje, no mercado automotivo é possível encontrar carros mais completos, com ar condicionado, vidro elétrico e direção hidráulica por preços mais acessíveis. Abaixo, segue a lista dos 10 carros mais baratos no momento no Brasil

M100 Effa Mottors

• Motor: 1.0 • Potência: 47cv • Porta-malas: 320l • Vel. máxima: 140km/h • Acessórios: Vidro elétrico nas quatro portas; ar condicionado; rádio; trava elétrica das portas por controle remoto.

R$ 23.480,00

Ka Ford

• Motor: 1.0 • Potência: 73cv • Porta-malas: 263l • Vel. máxima: 155km/h • Acessórios: Ar quente e trava elétrica.

R$ 25.590,00

Uno Fiat

• Motor: 1.0 • Potência: 66cv • Porta-malas: 290l • Vel. máxima: 153km/h • Acessórios: Básico

R$ 23.490,00

Celta Life Chevrolet

• Motor: 1.0 • Potência: 78cv • Porta-malas: 156l • Vel. máxima: 156km/h • Acessórios: Básico

R$ 26.350,00

QQ Chery

• Motor: 1.1 (gasolina) • Potência: 68cv • Porta-malas: 190l • Vel. máxima: 130km/h • Acessórios: Direção hidráulica; ar-condicionado; freios ABS; travas elétricas; retrovisores elétricos.

R$ 23.990,00

Gol G4 Volkswagen

Clio Campus Renault

• Motor: 1.0 • Potência: 77cv • Porta-malas: 255l • Vel. máxima: 167km/h • Acessórios: Ar quente.

R$ 25.050,00

Uno Vivace Fiat

Palio Economy Fiat

• Motor: 1.0 • Potência: 75cv • Porta-malas: 290l • Vel. máxima: 157km/h • Acessórios: Básico

R$ 25.590,00

10º

March Nissan

• Motor: 1.0 • Potência: 71cv • Porta-malas: 285l • Vel. máxima: 145km/h • Acessórios: Pára-sol com espelho; vidros verdes.

• Motor: 1.0 • Potência: 73cv • Porta-malas: 280l • Vel. máxima: 153km/h • Acessórios: Barra de proteção lateral; brake-light; porta-copos; tomada 12v; econômetro.

• Motor: 1.0 • Potência: 74cv • Porta-malas: 265l • Vel. máxima: 169km/h • Acessórios: Airbag duplo e computador de bordo.

R$ 26.450,00

R$ 26.650,00

R$ 27.790,00


Automercado

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Economia em 4 rodas

O Novo Uno na versão Economy chega com o desafio de melhorar o que já era bom

O

novo modelo do Uno, quando lançado há mais de um ano e meio, conquistou a preferência de muitas pessoas pelo design inovador e o preço mais acessível. Ricardo Luiz da Silva, proprietário do modelo Vivace há 10 meses, fala sobre a satisfação em ter o veículo. “Quando fui à concessionária, a intenção era comprar outro carro, mas o vendedor me apresentou ao Uno e me convenceu pelo desenho, conforto e por ser um carro bicombustível. Estou super feliz”, declarou Ricardo. Esse mês, a Fiat anunciou a versão Economy do novo Uno por preço inicial a partir de R$ 28.120,00, na versão duas portas e R$ 29.950,00, na versão quatro portas. Segundo a montadora, a grande vantagem é a economia, independente do combustível. Estima-se que o desempenho seja de 11,3 km no perímetro urbano com gasolina e 16,3 km com etanol. “O motor consegue unir potência e consumo, além

Fotos: divulgação

de conforto e segurança”, explicou Paulo César Bento, gerente da Via Marconi, concessionária Fiat de Lençóis Paulista. Mesmo com a economia no combustível, o carro não perdeu o desempenho. Ainda equipado com motor Fiat Power train 1.4 Evo das outras versões, apenas com algumas modificações que favorecem a economia do com-

bustível, como o uso do coletor de admissão de plástico e bloco com circulação de água tipo U Circulation (mesma tecnologia empregada nos motores turbinados T-Jet, que garante um arrefecimento uniforme em todos os cilindros), continua com velocidades máximas entre 170 e 172 Km/h. Entre as inovações estão a combinação da nova calibração da central eletrônica do bloco com nova relações de marchas, altura em relação ao solo diminuída (menos 10 milímetros) e

nova pressão dos pneus de baixa resistência a rolagem, que passam de 28 para 35 libras. Novidades que também garantem a economia do veículo. Como no modelo Vivace, o motorista tem a sua disposição o Econômetro, leitor que indica se a condução está sendo econômica ou não. Para-choques, maçanetas e retrovisores na cor da carroceria, rodas aro 14 e pneus 175/65 com baixa resistência à rolagem e revestimento externo na coluna central das portas, logotipo com fundo verde e kit Ecology de personalização são outros adereços que o carro pode ter. A versão Economy do Novo Uno já está disponível na concessionária Fiat de Lençóis Paulista.

13


14

Campeã de Vendas

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Cumplicidade Exemplo de profissionalismo e competência, a vendedora Eliane Paz afirma que paixão e dedicação são fundamentais para realizar uma venda com sucesso

E

liane Aparecida Caprioli da Paz é exemplo de colaboradora que se dedica de corpo e alma à empresa. Aos 36 anos, contabiliza 23 trabalhando pela Cúmplice, loja de roupas e acessórios de Lençóis Paulista. Esta história de cumplicidade e companheirismo começou quando Eliane entrou para a Legião Feminina da cidade. A proprietária da Cúmplice conhecia a mãe de Eliane. Foi assim que começou a trabalhar na loja. “Nunca tinha me imaginado como vendedora. Meu pai tinha uma horta no fundo de casa e eu, com ajuda de minhas irmãs, vendia verduras, legumes e hortaliças de porta em porta, mas eu era tímida. Elas até brincavam que eu queria participar do lucro sem fazer nada”, lembra Eliane. Eliane acompanhou todo desenvolvimento da Cúmplice: mudanças de endereço, a evolução da loja e as alterações administrativas, já que o negócio passou de pais para filhos. O segredo para perma-

Foto: Revista O Comércio

necer por tanto tempo no mesmo emprego, envolvida pela atividade que desempenha e mantendo um bom relacionamento com os patrões, está na ponta da língua. “Sou apaixonada por vendas. Fui gostando cada vez mais e me realizando”, revela Eliane, sempre com um sorriso no rosto. Com tamanha experiência, Eliane conquista seus clientes com simpatia e conhecimento profundo sobre os produtos da loja. A menina que era tímida para oferecer hortaliças de porta em porta, evoluiu para uma vendedora bastante comunicativa. Assunto é o que não falta para ajudar a conquistar os clientes. “Sou bastante falante, gosto de conversar com meus clientes, conhecer o gosto de cada um, me tornar amiga. Isso sim atrai as pessoas”, garante. O importante para quem atua no comércio, segundo explica Eliane, é se identificar com o público que atende e estar sempre disposto a aprender mais sobre os produtos que está oferecendo. No caso

Fotos: Revista O Comércio

“Para realizar uma boa venda, primeiramente, busco conhecer o cliente e seu gosto. O primordial é ser atencioso com o cliente que, bem atendido, com certeza voltara à loja.” Patrícia Santos, Maruska Modas “Procuro sempre me colocar no lugar do cliente e entender o que ele precisa, atender sua necessidade. O essencial é estar de bom humor.” Walter Trajano, Eletro Centro “O bom atendimento requer simpatia e sorriso no rosto. Sempre procuro mostrar os melhores produtos e atender as necessidades do cliente. Se ele não encontrar o que está procurando, tento mostrar um produto similar para que ele volte sempre”. Rodrigo Willian, Visual Modas

A vendedora Eliane há 23 anos trabalha na Cúmplice e não consegue se imaginar fazendo outra coisa além do segmento que atua

desta vendedora, cujo público é basicamente composto por mulheres, carinho e dedicação fazem toda a diferença. “Os jovens geralmente são mais indecisos, as senhoras são mais objetivas. Tenho clientes de 15, 20 anos de convivência

e aprendo com eles a cada venda que realizo”, define. Depois de tanto tempo trabalhando com a Cúmplice, Eliane assegura que não pretender mudar de ramo. “Não me imagino longe deste público querido”, conclui ela.

“Como trabalho em uma loja que já tem um produto diferenciado, procuro mostrá-lo para o cliente, que é o foco principal do meu trabalho, da melhor maneira possível. Simpatia é essencial para um bom atendimento e disponibilidade”. Cristina Turcarelli, Yes Boots “Normalmente, busco saber o que o cliente quer e identificar seu gosto. Mostrar a qualidade do produto é a melhor maneira de conquistá-lo. O essencial é sempre recebê-lo bem, com simpatia, bom humor e um sorriso”. Andréia Nunes Lojas Silva


Ambiente & Decoração

Lençóis Paulista Outubro de 2011

15

Descanse com estilo Nos projetos de ambientação externa, os móveis são importantes para garantir conforto e graciosidade

Fotos: ilustração

O

ambiente mais convidativo para espairecer, relaxar e esquecer dos problemas é a área externa de uma casa. É um local bastante procurado principalmente com a chegada do sol e calor do verão. A decoração neste espaço então faz toda diferença para deixar o ambiente aconchegante e provocante para um delicioso descanso ou uma boa leitura. Segundo a empresária Andrea Gouveia, da loja Espaço Moderno, os móveis externos são a aposta certa para agraciar jardins, piscinas, varandas, sobretudo nesta e na próxima estação do ano - primavera e verão - que são os períodos que mais requisitam esse tipo de ambiente. Antes de qualquer coisa, os móveis para área externa precisam ser resistentes ao sol e à chuva, já que ficarão expostos às variações climáticas. São vários os tipos de materiais com os quais podem ser feitos os móveis externos, como ferro, fibra natural ou sintética, alumínio e madeira. Os mais indicados para suportarem tranquilamente as intempéries do tempo são o alumínio e as fibras naturais. Já as outras matérias primas exigem cuidados para manter a peça resistente às mudan-

Os móveis de fibras naturais são os mais indicados para ficarem expostos às alterações climáticas sem sofrerem danos. O conjunto de sofá de 3 ou 2 lugares deixa a área externa mais aconchegante e bonita

ças de clima. Se seu espaço tiver um belo jardim como cenário, os bancos de madeiras, as narciso – chaise, compõem de forma descontraída o ambiente. Agora, se planeja um lugar fino e sofisticado, aposte nos conjuntos de sofás de 3 e 2 lugares, acompanhados de mesas laterais e de centro que se tornarão a extensão da própria casa: uma segunda sala, mas ao ar livre. As espreguiçadeiras são perfeitas tanto para piscina

quanto para o próprio jardim. Caso não haja árvores justamente no canto em que você adora ficar, pode decorá-lo com ombrelones, espécie de guarda-sol de ampla estrutura que garante proteção contra os raios solares e o vento. Opção funcional e decorativa, os ombrelones podem ser feitos de madeira, alumínio ou metal. Até mesmos os espaços com metragem limitada, as varandas de apartamento, por exemplo, têm

condição de serem decoradas de maneira simples, mas de forma impactante. Poltronas e aparadores (pequenos) de madeira, pufes e vasos com plantas sãs boas escolhas para driblar a falta de espaço e garantir um cantinho agradável. “São inúmeras as opções para deixar ainda mais surpreendente seu jardim, varanda ou piscina. O importante é escolher as peças que tenham seu estilo e personalidade”, comenta Andrea.


16

Aniversário

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Estamos comemorando um ano. Para nossa equipe, mais importante que festejar, é agr que sempre estão ao nosso lado, colaborando para que possamos ir às ruas e apresenta

ê

1ª Edição • Outubro de 8ª Edição • Abril de 20

11

2010

Edição nº 2• Novembr o de 2010 2011 Edição nº 9 • Abril de o Especial Cidade do Livr

o de 2010 Edição nº 3• Dezembr Edição nº 10 • Maio de

2011

Edição nº 4 • De Especial de Boas

Edição nº 11 • Junh


Aniversário

Lençóis Paulista Outubro de 2011

radecer. Por isso, queremos externar nossa gratidão para todas as pessoas e empresas ar nosso trabalho. Com alegria e reconhecimento, recebam um muitíssimo obrigado!

ezembro de 2010 s Festas

ho de 2011

17

ê

Edição nº 5 • Janeiro de

2011

Edição nº 12 • Julho de

2011

Edição nº 6 • Fevereiro Edição nº 13 • Agosto

de 2011

de 2011

Edição nº 7 • Março de

2011

Edição nº 14 • Setembr o de 2011


18

Viagem & Aventura

Lençóis Paulista Outubro de 2011

É rock, bebê! Quem marcou presença no festival de 2011 ficou com vontade de retornar em 2013 Fotos: divulgação e arquivo pessoal

P

Último show do Festival foi embaixo de chuva. O vocalista Axl da banda Guns n’ Roses entrou no palco com capa de chuva

ara realizar o sonho de ver seu ídolo da música de perto é preciso dinheiro, disposição e muito preparo físico. Mas tudo vale a pena. Lençoenses que estiveram no Rock in Rio retornaram felizes pela experiência. A estudante Camilla Ortega conferiu o último dia de festival. Teve sol, chuva, atraso do artista e até os percalços apresentados pela organização. Na opinião de Camilla, nada para se preocupar. “Na verdade me surpreendi e o festival superou minhas expectativas, pelos banheiros limpos, não enfrentei tanta fila. Tudo bem que falta um pouco de organização, mas adorei”. Camilla foi especialmente para o show do Guns n’ Roses. “Esperei demais pelo show, porque gosto muito da banda”. Foi a última apresentação do Rock in Rio, para fechar

A universitária Camilla Ortega curte o momento de estar em seu primeiro Rock in Rio

com chuva e chave de ouro. Prova disso é que o vocalista do Guns, Axl Rose, subiu ao palco usando chapéu por cima da bandana e vestindo grossa capa amarela. Axl Rose abriu o show cantando “Chinese Democracy”. Cumprimentou o público dizendo “good evening” (boa noite) e, em se-

guida a banda tocou a clássica “Welcome to the Jungle”, de seu disco de estréia, de 1987. Desse mesmo álbum, chamado “Appetite For Destruction”, vieram “It’s So Easy” e “Mr. Browstone”. A partir daí foram tocadas músicas de várias fases da banda. O primeiro cover da noite foi “Live and

Let Die”, de Paul McCartney, com fogos e explosões tradicionais. O Rock in Rio 2011 terminou deixando 700 mil espectadores felizes. Cerca de 13 mil pessoas trabalharam para a organização do evento. Para 2013, uma nova edição está confirmada e Camilla quer estar lá.


Planeta Sustentável

Lençóis Paulista Outubro de 2011

O

utubro também é mês de homenagear os professores, cuja data é comemorada no dia 15. Esses profissionais dedicam suas vidas para ensinar e compartilhar conhecimento. Muitas vezes essa prática vai além da sala de aula. A bióloga e professora Milena Guirado, além de partilhar com seus alunos o que sabe, é exemplo de cuidado e preocupação com o meio ambiente. Desde adolescente, nutre amor por animais plantas e tudo que envolve a proteção à natureza, por isso escolheu a biologia como profissão “Eu tinha paixão por estudar biologia e ecologia, e aos poucos fui percebendo que gostava também de contagiar os outros ensinando o que aprendia. É muito prazeroso dividir nosso conhecimento com alguém”, expressa Milena. Ainda nos tempos da faculdade, Milena começou a cultivar plantas das mais diversas espécies. “Durante estágios da faculdade estive em um orquidário e viveiro de mudas nativas. Pedi a meu pai que comprasse uma bandeja sementeira para mim, além de saquinhos e substratos. Eu fazia mudinhas diversas, a preferida era o tomate cereja, cuja semente germinava e crescia muito rápido e a planta tinha um cheirinho gostoso. Porém, o melhor resultado que obtive foi com um ipê-amarelo anão na casa do meu pai. Trouxe

Sala de aula verde Além de contribuir para crescimento do conhecimento de crianças e jovens, os professores podem cooperar para educação ambiental, com ações extra-classe

Foto: arquivo pessoal

A professora Milena Guirado ensina ecologia dentro e fora da sala de aula

a sementinha de Bauru do canteiro central da avenida Nações Unidas, próximo à Praça República do Líbano”, relembra a professora. Atualmente, lecionando microbiologia e toxicologia em cursos técnicos, Milena também já atuou em escolas estaduais dando aula de ciências e biologia para ensino fundamental e mé-

dio. A luta é a mesma em todos os ambientes escolares: tentar envolver os alunos no aprendizado. “Hoje, atuo como bióloga e leciono apenas à noite, pois gosto. A população sofre porque lhe falta conhecimento e, lecionando, podemos difundir e trocar saber, pensamentos, análises críticas e outras coisas.

Acredito que bons professores contribuem para um mundo melhor”, comentou Milena. O jardim que tem na casa da mãe é tratado com todo amor e dedicação. A professora diz que ainda sabe muito pouco sobre o assunto, já que não fez cursos de plantio, mas as variadas flores, folhagens,

brotos e touceiras, além de decorar a casa, também garantem ânimo. “As plantas tornam o ambiente mais bonito e aconchegante”, definiu a bióloga. Estudos comprovam que os benefícios das folhagens nas residências são indispensáveis para manter a qualidade de vida. As plantas absorvem

19

gases nocivos, aumentam umidade do ar e até reduzem ruído no ambiente. Milena está ajudando a desenvolver um web site para uma ONG que cuida de animais abandonados. Ela considera a conservação das espécies animais e vegetais, bem como, a manutenção da qualidade do ar, água e solo, crucial para o equilíbrio do ecossistema, mas acredita que ainda é preciso fazer muita coisa para sensibilizar a população sobre isso. “As pessoas não têm consciência de que a nossa vida na Terra depende do meio ambiente, em sua totalidade e equilíbrio. A atual cultura consumista e esbanjadora tem estimulado a exploração dos recursos naturais e, depois, muitos não se acham responsáveis pelos resíduos gerados: lixo, esgoto”, define. São pequenas mudanças que vão garantir a preservação do ambiente: trocar o carro pela bicicleta, não jogar lixo no chão, reciclar, economizar água, podem contribuir positivamente para o futuro do planeta. E os professores têm papel importante nesse processo. “Mudanças de hábitos, a conscientização dos adultos e educação das crianças e jovens é a forma da sociedade ajudar na preservação do planeta. E é na parte da educação de crianças e jovens, que nós professores, novamente, participamos”, concluiu a professora.


20

Beleza & Estética

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Salada mista

Fotos: ilustração

Cores do arco-íris dominam paletas de maquiagem e também podem ser usadas na produção das unhas

A

tendência que impactou a moda chega à maquiagem para contradizer quem pensou que diferentes cores extravagantes não podem fazer parte da mesma make up. Aqui vale tudo, só não vale ficar sem cor. A tendência color blocking, que tomou conta da passarela nos desfiles Primavera/Verão 2012 das principais marcas internacionais, como Marc Jacobs, Lacoste, Balenciaga, Prada, Dior, Jil Sanders, Isa e Gucci, invade também a maquiagem. Trata-se de dispor cores extravagantes e blocadas em um mesmo look, contradizendo assim a norma-

lidade das combinações. O lado bom da moda color blocking é a liberdade que ela proporciona para ousar e destacar a personalidade natural de qualquer tipo de mulher, por meio das cores. “Nesse tipo de make up é permitido brincar. É como fazer um arco-íris no rosto. E ela cai bem para as branquinhas, morenas, negras, gordinhas ou magras”, garante a maquiadora Paulinha Maciel. A mesma consciência que deve estar presente na hora de montar uma produção com peças coloridas vale também para a maquiagem. A profissional sugere começar devagar para aos

poucos ir se acostumando e não correr o risco de sair de casa parecendo uma palhaça. “Unir a sombra chocolate com uma branca, ou com alguma mais vibrante como verde. Usar apenas o delineador colorido e apostar no batom de coloração diferente, como o laranja, são dicas recomendadas para quem tem vontade de tentar algo diferente, mas falta coragem de atrever-se a tanto”, aconselhou a maquiadora. Outra forma de adaptação à nova sensação da make up é começar com tons mais sombrios: azul escuro, rosa escuro, por exemplo, e ir clareando até chegar numa cor aberta e vibrante, à medida que for se habituando. “É questão de exercitar o uso das cores. A maquiagem exige prática para ficar perfeita e chegar ao resultado ideal”, alertou Paulinha. Dentro do estilo color blocking a preparação da pele segue os mesmos critérios: hidratante, primer, base e corretivo. O blush deve ser o tom mais natural possível, só para dar aquele ar de saudável, pois o excesso de co-

Cores vibrantes são tendência da estação, mas é preciso saber combinar maquiagem e roupa

res carrega demais a maquiagem e estraga a proposta. A maquiadora explica. “A make colorida é mais chamativa. O interessante é escolher uma região do rosto para ser realçada, no máximo duas, como olhos e bocas. Se a mulher for mais contida, ela pode optar por um esmalte verde limão, por exemplo, e passar apenas nas unhas. Tem várias maneiras de aderir a essa nova tendência”. A proposta transita bem tanto para o dia quanto para noite. O segredo está nas escolhas das cores e combinações.

Quando?

Para o dia a dia o indicado é destacar apenas uma região do rosto. Contornar a parte de baixo dos olhos com cores intensas tais como azul,

berinjela e verde é um recurso que traz luminosidade e não chama tanta atenção. Agora se você é ousada, pode combinar essas cores com um batom pink ou laranja-vivo, que tem passe livre para o dia como os tons de roxos, ideais para unhas. À noite permita a ousadia, principalmente, se for a alguma festa ou balada. Misture, por exemplo, sombra amarela com roxo escuro e na boca batom vermelho - ou sombra vermelha com rosa e na boca batom berinjela. “São inúmeras as combinações possíveis, depende do estilo, personalidade de cada mulher”, comentou a maquiadora.

Como?

A dica para passar as sombras em pó de forma que a cor fique vibrante é usar pin-

cel umedecido com água ou passar várias vezes o tom até ficar veemente, começando da cor mais escura para a mais clara, de dentro do olho para fora, perto do nariz. “Passar a sombra tanto em pó quanto cremosa no formato de um arco vai dar um efeito 3D, fica bem legal. Delineador ou lápis preto também é aconselhável para realçar o colorido. Para harmonizar, pegue uma das cores do arco-íris que você já usou no olho e passe o batom do mesmo tom”, sugeriu Paulinha. Mas nada de combinar maquiagem com a cor da roupa. A make up color blocking tem que ser acompanhada de roupas em cores neutras. Entendida essa lição, jogue-se nas combinações, afinal qualquer pessoa fica mais bonita com cores.


Saúde & Comportamento

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Dieta

Foto: divulgação

Papel de quem?

natural Frutas e as pílulas de ervas ajudam a emagrecer e não apresentam riscos à saúde

H

oje em dia é normal encontrar pessoas preocupadas com o excesso de peso. A busca pelo corpo perfeito pode acarretar em dietas malucas. Pílulas de ervas ajudam a perder peso, sem apresentar riscos à saúde. Tratam-se de substâncias retiradas da natureza, que em cápsulas aceleram o metabolismo, como os medicamentos alopáticos que reduzem a absorção de gorduras ou carboidratos, mas sem mexer com o equilíbrio, agindo de forma suave e respeitando o corpo. Mas como em toda ingestão de medicamentos, deve-se procurar um médico ou nutricionista. Muitas substâncias são indicadas pelos médicos. A faseolamina, extraída do feijão branco chamou atenção de cientistas ao perceberem que sua propriedade é inibir a atividade da enzima responsável pela transformação do carboidrato em glicose. Os amidos não

ingeridos são eliminados. Já para “gastar” a gordura ingerida, uma boa aliada é a planta leguminosa Cassia nomame. Do seu fruto pode ser extraída a cassiolamina, inibidora da lipase, diminuindo a ingestão e absorção de frituras. Além disso, ela também reduz a pressão arterial, ácido úrico e colesterol. Para quem quer emagrecer e ao mesmo tempo ganhar massa muscular, o Piruvato de Cálcio, encontrado em frutas co-

mo a maçã, e legumes como o espinafre, atua na forma de um conversor de alimentos em energia, dando mais disposição para malhar. Ele queima o açúcar e estimula a queima de gordura. Consumido de maneira indiscriminada, pode causar efeito contrário. O chá verde, tirado da Camellia sinensis, é considerado segredo milenar da saúde. Prevenção do câncer, proteção contra doenças do cérebro como Mal de Alzheimer, retarda o enve-

Separamos algumas ervas com outras funções além do emagrecimento. É hora do chá! Desintoxicar Salsaparrilha Dente-de-leão Capim-limão Alecrim Contra a celulite Cavalinha Hamamélis Castanha da Índia

21

Calmante Alecrim Hortelã Capim-limão Jasmim Capim cidreira Diurético Cabelo-de-milho Cavalinha dente-de-leão

lhecimento, redução de prisão de ventre, são exemplos dos bens causados pelo chá verde. E ele emagrece sim, pois acelera o metabolismo. A preocupação está no excesso de sua ingestão, que pode prejudicar o fígado e outros órgãos. O ideal é fazer o chá, evitando as cápsulas, tomar após o almoço ou jantar e não mais de quatro xícaras por dia. Os principais ameaçadores de qualquer digestão são metabolismo lento e má digestão. O Citrus aurantium, extrato da laranja-amarga, também encoraja o emagrecimento, já que agita o ritmo do metabolismo. Apesar de ter a sinefrina, substancia similar a efedrina que foi proibida devido à preocupação com problemas potenciais como aceleramento de batimentos cardíacos e a pressão arterial, aumentando risco de insônia, nervosismo, infarto e derrame, os médicos garantem que o Citrus é mais seguro.

O mesmo fato é capaz de provocar interpretações muito diferentes. Outro dia uma mãe queixava-se que seu filho vinha aprendendo na escola tudo o que ela não queria. Disse que ele aprendeu a falar palavrões, a agir com certa rebeldia, a desobedecer as suas ordens, a não dar importância aos estudos. Tudo isso alegou ser conseqüência das más companhias e da falta de controle dos professores sobre os alunos. Já as opiniões de diretores e de professores apontaram para questões diferentes. Argumentaram que os pais não estão mais educando os filhos devido ao pouco tempo que ficam em casa, salientaram que não têm conhecimento sobre os tipos de jogos que a criançada joga nos videogames, que não explicam sobre os valores da vida, como a importância do respeito e da consideração, cedendo a todos os desejos de consumo e inclusive aos maus hábitos alimentares. Ressaltaram que os pais não educam por ser trabalhoso e também porque não querem desgastar a relação no pouco tempo que tem com os filhos. Afinal, quem está com a razão? É a escola que dá chances para os alunos aprenderem o que não deveriam ou os pais que não educam seus filhos? Talvez o maior prejuízo da modernidade aponte para uma questão educacional mais ampla e assim pode ser resumida: logramos o desenvolvimento sofisticado da ciência e tecnologia sem uma correspondente evolução psíquica, ética e espiritual. Quem está responsável por ajudar os jovens a fazerem a travessia da margem da ignorância para a margem do conhecimento e do autoconhecimento? Assistimos a falência da ética, a crescente violência e injustiça social, o aumento do índice de depressão e suicídio entre as crianças e os jovens. Estamos percebendo que no mundo atual eles não são educados apenas pela escola ou pelos pais. A televisão educa, a sociedade educa, os entretenimentos educam etc... Quando uma criança faz algo que não deveria fazer, a questão pode não estar diretamente ligada à escola ou à família, mas ambas as instituições tem a responsabilidade de insistir na educação e nas boas lições, cada uma à sua maneira. Dra. Salete Cortez Psicóloga clínica, pós graduada e especialista em pânico e depressão.


22

Entretenimento

Lençóis Paulista Outubro de 2011

HORÓSCOPO Áries

21/03 a 20/04

O mês começa sob a influência da Lua Nova. Os relacionamentos, tanto os afetivos, como os profissionais, passam por um momento especial, onde algumas decisões certamente serão tomadas devidamente. A fase é de mudanças positivas em seus sentimentos e emoções.

Câncer

21/06 a 20/07

É hora de reviver emoções do passado para reflexão e recolhimento. O amor e romance estarão presentes, e certamente trará alguém que vai mexer com suas estruturas. O momento é altamente benéfico para se envolver em projetos criativos.

Libra

21/09 a 20/10

A fase é de revisão, seriedade e decisões efetivas, especialmente sobre amor e finanças. O momento é bastante importante e traz boas oportunidades para a reparação do terreno para novas investidas. A fase de perda, a mais difícil ficou para trás.

Capricórnio

21/12 a 20/01

Época de mudanças na vida profissional. As coisas acontecerão de forma natural. O inusitado pode estar presente de alguns acontecimentos, incluindo a mudança de residência, de cidade ou mesmo de país, de forma inesperada e rápida.

Touro

21/04 a 20/05

O mês de Outubro é altamente favorável e chega movimentando e melhorando seu trabalho, sua saúde e seus relacionamentos. Caso seja comprometido, a tendência é de melhora no relacionamento e também do aumento da paixão e do ciúme.

Leão

21/07 a 20/08

Fonte: internet

Gêmeos

21/05 a 20/06

Ótimo momento para se abrir a um novo amor. Novas oportunidades surgirão, novos projetos e trabalhos e sua saúde também passa por um bom momento. A fase é ótima para rever maus hábitos e começar uma boa dieta e um programa de exercícios.

Virgem

21/08 a 20/09

Nem que você queira vai conseguir ficar parado ou descansar. Toda espécie de comunicação é beneficiada neste período. Você pode começar a perceber necessidade de partilhar sua intimidade com pessoas que sente verdadeira afinidade.

Novas amizades surgirão. Algumas mudanças em seus investimentos acontecerão então a fase é ótima para os acordos e reuniões de negócios. A partir disso, novos vínculos serão feitos. O melhor é manter uma alimentação saudável e se dedicar a exercícios.

Escorpião

Sagitário

Assuntos de trabalho continuam em pauta e o amor está no ar acima de qualquer coisa. Seu charme estará acima da média e as conquistas acontecerão uma atrás da outra. O movimento passa a fazer parte de seus dias, amizades e convites chegarão.

Ótima oportunidade para começar um romance. Movimento no amor, amizades e dinheiro principalmente. Sua energia e capacidade produtiva estarão em alta durante todo mês, portanto, aproveite para elaborar novos planos e projetos futuros.

21/10 a 20/11

Aquário

21/01 a 20/02

Hora de rever conceitos que julgava como certos. A fase é boa, sem tensão, apenas algumas mudanças de foco e metas. Sua imagem social e simpatia estarão cada vez mais fortes nesse período. Procure ser racional e menos impulsivo.

21/11 a 20/12

Peixes

21/02 a 20/03

A fase é de limpeza, questões relacionadas a viagens começam a fazer parte de sua vida. Um relacionamento com alguém de outra cultura pode começar neste período. Os estudos passam por um ótimo momento e atenção com saúde deve ser dobrada.


Moda & Estilo

Lençóis Paulista Outubro de 2011

23

Sua Majestade, a Princesa da Capa! Para comemorar um ano da revista preparamos um ensaio especial. Apresentamos ao público uma mulher e muitos estilos, em uma estação de infinitas possibilidades e um sem número de ocasiões.

N

inguém menos que a belíssima Isabele Malavasi Cacciolari para comemorar um ano da Revista O Comércio. No auge dos seus 16 anos, a jovem presenteia nossos leitores e anunciantes com sua beleza, doçura e meiguice, caracterizando uma leitura fiel do que representa para todos os corações a tão

esperada estação das flores. Com muito estilo e delicadeza, A Garota da Capa deste mês, seduz a própria Primavera com seus olhos verdes hipnotizantes, com sua naturalidade de modelo profissional. Ela veste festa, casual e esportivo conferindo a cada um dos looks uma explosão de charme, sem perder

a espontaneidade. Isabele encara o estilo bonequinha de luxo de Audrey Hepburn, passeando pelo estilo náutico, brincando com rendas e cambraias de algodão em cores neutras como bege, branco, marinho e preto. Nossa A Garota da Capa representa o sonho de toda a mulher, o que toda mulher pode ser:

linda, sutil e autêntica. Reunidas mais uma vez, as equipes da Revista O Comércio, Paulinha Maciel Cabelo & Maquiagem e Cíntia Fotografias partiram em busca da luz perfeita, da pose correta, do brilho ímpar, da cor ideal... O entrosamento – cada vez mais constante – entre o personal stylist, a beauty stylist, os fotógrafos e

o arte final traduz o compromisso da revista com o profissionalismo e a perfeição da editoria Moda & Estilo. Com roupas e acessórios da Sedução Modas, loja que acaba de repaginar seu visual e calçados da Impacto, uma verdadeira tentação para o universo feminino. A Garota da Capa, no melhor do make 50’s, mostra

ao que veio, o que quer mostrar. Ela está aí e é demais. Mais linda do que nunca, experimentando novos conceitos que serão clássicos para as próximas edições, Isabele Malavasi Cacciolari, com seu tom de majestade é uma legítima princesa, uma referência para as garotas que estarão nas capas da Revista O Comércio.


24

Moda & Estilo

Lençóis Paulista Outubro de 2011 O jeans surrado sai das ruas e vai para as festinhas e baladas quando usado com top tomara-que-caia bege de tela e bolero-colete da mesma cor em renda. As correntes douradas de elos gigantes e a sandália de cetim na cor off-white conferem um ar mais sofisticado para a produção que também pode ser usada durante o dia, com sapatos baixos. Sugestão para ir às compras, passeio ou trabalho.


Moda & Estilo

Lençóis Paulista Outubro de 2011

A calça em alfaiataria preta, com cós alto e gancho levemente solto tem tudo para ser referência nesta estação e tornar-se curinga no guarda-roupa feminino. Cheia de estilo e conforto e bem afunilada na barra, a peça fica perfeita com a blusa listrada estilo navy e com o cintinho fino na cor camelo (tendências fortíssimas da temporada). A calça pode e deve ser usada com as t-shirts coloridas, estilo das pin-ups norte-americanas.

25


26

Moda & Estilo

Lençóis Paulista Outubro de 2011

A Garota da Capa Outubro de 2011

• Nome Isabele Malavasi Cacciolari • Aniversário 27 de Abril (16 anos) • Signo Touro • Mãe Silvana Raquel Malavasi • Pai Adriano Cacciolari • Educação 2º Colegial • Filme Cisne Negro • Perfume Coconut Passion; Victoria’s Secret • Hobby Cozinhar • Música California King Bed; Rihanna • Prato Macarrão • Viagem dos Sonhos Jerusalém • Facebook Isabele Cacciolari

O show à parte fica por conta do vestido tomara-que-caia de renda na cor bege. Com cinto de borboleta e colares de pérolas pretas e off-white, a peça fica ainda mais elegante e tem seu ar contemporâneo conferido pelo sapato abotinado de plataforma embutida na cor preta. Uma bolsa de mão, na mesma cor do vestido, leva a produção mais longe, conferindo requinte ao look.


Moda & Estilo

Lençóis Paulista Outubro de 2011 Charmoso e sem pretensões, o vestido azul-marinho com detalhes em crochê estilo guipire promete agradar garotas de várias idades. Pode ser usado para passeio, happy hour ou aquela reunião entre as amigas. Vai bem com tênis de lona, sapatilhas ou mesmo com as plataformas estilo anos 70, que também estão na moda. Na foto, a modelo leva o look para uma festa privada e usa o vestido com sandálias bege de tiras largas que cruzam o peito dos pés, tirando um pouco da sutileza do vestido. Tendência nas passarelas.

• Roupas e Acessórios: Sedução Modas • Calçados: Impacto Calçados • Consultor de Moda: Fabiano Grama • Cabelo e Maquiagem: Paulinha Maciel • Fotografia: Cíntia Fotografias

A camisa azul-marinho, estampada de branco, feita de cambraia de algodão também sai do estilo casual e ganha força nas produções mais sofisticadas. Na foto, com saia de camadas de renda na cor branca e sandálias bicolor de laço traseiro, o look apresenta toda a feminilidade perdida há décadas e que o mundo da moda investe para trazer de volta.

Dê “curtir” em nossa página no Facebook e veja mais fotos de O Garoto da Capa. facebook.com/revistaocomercio

27


28

Agenda Cultural

Len莽贸is Paulista Outubro de 2011


Voluntários do Bem

Lençóis Paulista Outubro de 2011

29

Alimento para o espírito Grupo dos Vicentinos arrecada alimentos mensalmente e coloca esperança na mesa de dezenas de famílias carentes

S

ão 950 quilos de alimentos arrecadados, 39 famílias assistidas e dezenas de sorrisos em retribuição. Essa é conta mensal da Sociedade São Vicente de Paulo, da Matriz São Pedro e São Paulo, que realiza um trabalho social muito importante: levar comida e esperança para a mesa de famílias carentes de Lençóis Paulista. Atualmente, Maria de Lurdes Aparecida é quem comanda o grupo. As líderes são chamadas de consócias, enquanto os homens são chamados de confrades. Maria de Lurdes também é catequista e

Fotos: divulgação

atua pela comunidade há 30 anos, sempre procurando ajudar as pessoas por meio das ações sociais da igreja. “Meu pai me explicava como era o trabalho dos Vicentinos e me incentivava a juntar moedas, colocar numa caixinha e doar. E eu achava fascinante o trabalho. Já está no sangue o amor por trabalhos sociais”, declara. O Grupo da Matriz São Pedro e São Paulo começou a trabalhar em 18 de Outubro de 1990. Maria de Lurdes assumiu a direção há seis anos. A arrecadação não aconteceria sem a dedicação dos moradores da região

do Núcleo Habitacional Luiz Zillo e sem o apoio do cônego Marcelo Aparecido Paes, o Padre Marcelinho. “As pessoas ajudam mesmo, doam alimentos, roupas e até móveis. O padre Marcelinho nos apoia tanto espiritualmente quanto financeiramente para manutenção deste projeto”, diz Maria de Lurdes. No momento, o Grupo de Vicentinos atende a 21 famílias que estão cadastradas e 18 famílias em situação de emergência. O número de pessoas atendidas é variável. Além de alimentos, o grupo leva uma mensa-

A Sociedade São Vicente de Paulo está presente em 146 países; em Lençóis Paulista, grupo da Matriz São Pedro e São Paulo está em busca de mais voluntários, principalmente, pessoas mais jovens e com amor

gem de esperança baseada no Evangelho. O trabalho realizado pelos Vicentinos é retribuído pelo carinho das pessoas assistidas. “Eles são muito carentes. Carentes de alimentos e também de amor, por isso, acabam se apegando em nós e a gente a eles. É uma relação linda”, diz Maria de Lurdes. A satisfação é tão grande em fazer parte desse grupo que nem passa pela cabeça da consócia em parar. “Amo o que faço e farei até quando puder ajudar, até quando Deus der forças”.

Desde que iniciou esse trabalho, Maria de Lurdes presenciou resultados que considera excelentes. “Tem famílias que não precisam mais da nossa ajuda, elas superaram os problemas e conseguiram se erguer na vida. Esse trabalho também recupera a autoestima”, resume Maria. Hoje os Vicentinos contam com 19 membros. A maior parte é mulher. Maria de Lurdes diz que novos voluntários são bem-vindos, de preferência pessoas mais jovens. A Sociedade São Vi-

cente de Paulo está presente em 146 países e é guiada pelo espírito de caridade, amor, partilha e, sobretudo, dinamismo. A SSVP, como é conhecida, necessita de jovens ousados, que queiram transformar realidade onde vivem.

Serviço

Quem quiser ajudar os Vicentinos da Matriz São Pedro e São Paulo com alimentos, roupas ou móveis pode procurar a secretaria da igreja, que fica na rua dos Professores, nº 10, no Núcleo Habitacional Luiz Zillo.


30

Culinária & Gastronomia

Torta de Sorvete Divertida

Fica, vai

ter bolo!

receita

Ingredientes: Massa: • 1 embalagem de mistura para bolo Orsi sabor chocolate; • 3 ovos; • 2 colheres (sopa) de margarina; • 150 ml de leite.

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Recheio: • 1 kg de sorvete sabor morango. Cobertura: • 400g de chocolate; • 1 lata de creme de leite; • 1 pacote (180g) de suspiros; • Confetes para decorar.

Modo de Preparo: Massa: Prepare a mistura para bolo Orsi conforme instruções da embalagem. Depois de assado, espere amornar e desenforme. Corte o bolo ao meio, na horizontal, e reserve até esfriar totalmente. Cobertura: Derreta o chocolate em banho maria e misture o creme de leite até formar um creme. Reserve.

Montagem: Numa forma de fundo removível, monte a torta da seguinte forma: coloque a metade do bolo e regue com 1 xícara de leite (ou outra bebida de sua preferência), recheie com o sorvete de morango e coloque a outra metade da massa, regue com uma xícara de leite. Adicione os suspiros quebrados e em seguida o creme de chocolate. Leve ao freezer por no mínimo 3 horas. Enfeite com confetes e sirva. Sugestão: Se preferir, monte a torta numa forma convencional e funda.

Dobradinha de Pintado

Foto: ilustração

Não existe criança que resista a uma fatia de bolo; Revista O Comércio traz receita especial para o 12 de Outubro

Bolo de cenoura, de chocolate, de fubá, de morango, de aniversário, da vovó, de casamento, dois andares, colorido, com recheio, sem recheio. Tem bolo para todos os gostos e receitas que fazem a alegria de crianças, jovens e adultos. Para o 12 de Outubro ficar mais divertido e apetitoso, a Orsi apresenta uma receita com sorvete. O preparo é rápido e o sucesso é garantido. Existem muitas histórias sobre como surgiu o bolo. Uma delas caracteriza os árabes como inventores dessa delícia, como uma alternativa para transportar a farinha sem que ela estragasse. Descobriram então que ao molhar a farinha e fazer discos achatados, o produto conservava bem. O calor do deserto, no entanto, assava esses discos. Para dar sabor à massa, decidiram adicionar frutas. Em Nápoles, na Itália, no ano de 1948, acredita-se que foi servido o primeiro bolo. Dali por diante o pra-

to passou a ser atração principal dos banquetes luxuosos, principalmente pela decoração. Já no Brasil, o pãode- ló de origem portuguesa foi o primeiro a adaptar-se e tornar-se popular.

Festa!

A união bolo e aniversário surgiu no Ocidente com os romanos, que ofereciam um preparado de mel e pão no formato de uma lua para a deusa da fertilidade Ártemis. As velas foram postas em cima dos bolos porque eles acreditavam que a fumaça levava desejos e preces dos fiéis até o céu para que fossem atendidas, uma forma de proteger o aniversariante. Nos casamentos, o bolo também é o prato mais importante. Essa tradição começou na Idade Média, porque os convidados dos matrimônios tinha por costumes levar bolos para serem empilhados. O número de bolos e os detalhes indicavam a importância da festa.

Rendimento: • 6 pessoas

Tempo de preparo: • 40 minutos

Ingredientes:

• 1kg de pintado cortado em cubos; • 500g de feijão branco; • 250g de camarão limpo; • 150g de bacon cortado em cubos; • 1 colher de sopa de azeite; • 1 lata de molho de tomate; • Cheiro verde e sal a gosto; • 1/2 cebola picada; • 2 dentes de alho picado.

Modo de Preparo:

Cozinhe o feijão branco separado, refogue com azeite alho e cebola, coloque o bacon, o peixe e deixa fritar, acrescente o feijão o molho do tomate, o camarão, cheiro verde e o sal a gosto e deixe cozinhar até engrossar o caldo, levar a mesa acompanhada de arroz branco e salada de folhas. Ademir Elizeu Sebrian Cozinheiro e proprietário do Bichano Pescados


Utilidade Pública

Lençóis Paulista Outubro de 2011

Água e Gás

Embutidos

Medicamentos

Rações

Auto Elétrica

Lanches

Pet Shop

Rações

Biscuit

Lanches

Pet Shop

Restaurantes

Caçambas

Medicamentos

Pizzas

Restaurantes

Embutidos

Medicamentos

Pizzas

Telemensagens

31


32

Publicidade

Len莽贸is Paulista Outubro de 2011

Revista O Comércio - Outubro de 2011  

Edição de Outubro de 2011 da Revista O Comércio

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you