Page 1

Lençóis Paulista « Dezembro de 2013 « R$ 5,00 « Ano 4 « Edição Nº 60 Gente de verdade que faz a história acontecer!

Chegada do Noel

Dia 6, o Bom Velhinho aterrissa de paraquedas no Vagulão

Página 03

Rainha da Facilpa 2014

Comissão do evento apresenta novidades para o próximo ano

Página 05

Pedro Lenci é

O Garoto da Capa

Lucas Ferreira

Fenômeno teen faz gravação do seu primeiro trabalho em DVD

Página 07

Página 23

Reinaldo Taminato

Página 08

Elza de Paiva

Página 09

Sheila Murador

Página 11

Leia + Marcos Toledo ................. 02 Sílvio Medeiros ................ 06 Ivete Paschoalinoto ......... 10 Regina Mello ................... 12 Dodô Santana ................. 13 Lívia Bernardes ............... 16 Raquel Dal Ben................ 18 Fausto Fuskini ................. 28 José Sonildo .................... 29 Ricardo Placca ................. 30 Mateus Prado .................. 35 Salete Cortez ................... 35 Maísa Rodrigues.............. 36


2

Opinião

REDE DE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA Ø Jd. das Nações • Padaria Padoka: Av. Estados Unidos, nº 289 Ø Jd. Nova Lençóis • Padaria Qually: Rua das Araras, nº 481 Ø Núcleo H. L. Zillo • Padaria Padoka: Av. Vereador Dr. Hermínio Jacon, nº 624 • Farmácia Ludovico: Rua Luiz Baptistella, nº 287 • Padaria Padoka: Av. Nações Unidas, nº 117 Ø Pq. Rondon • Padaria Padoka: Rua Momo Tranqüilo, nº 194 • Azulão Supermercados: Rua Luiz Ferreira, nº 168 • Padaria Pão de Mel: Av. Prefeito Jácomo Nicolau Paccola, nº 254 Ø Jd. Júlio Ferrari • Padaria Nativa: Av. Maestro Oliveira Capucho, nº 295 Ø Vila Santa Cecília • ASP: Rua César Giacomini, nº 241 Ø Jd. Cruzeiro • Mercado Avenida: Av. Cruzeiro do Sul, nº 276 Ø Jd. Alvorada • Padaria Alvorada: Rua Bahia, nº 468 Ø Jd. São João • Mercadinho do Rachid: Rua Camilo da Cunha, nº 20 Ø Vila Contente • Mercado Fontes: Rua Rodrigues Alves, nº 241 • Mercado Econômico: Rua Regente Feijó, nº 114 Ø Vila Mamedina • Padaria Nova Sensação: Rua Dr. Gabriel de Oliveira Rocha, nº 397 Ø Jd. Primavera • Mercearia VM: Av. Luiz Boso, nº 110 • Mercearia Primavera: Av. Silvio Boso, nº 95 Ø Cecap e região • Padaria Trigo de Ouro: Rua Henrique Losinskas Alves, nº 554 • Padaria Trigo de Ouro: Av. Procópio Ferreira, nº 557 • Padaria Trigo de Ouro: Rua Bandeira Tribuzi, nº 330 • Ézio Cabeleireiro: Rua Henrique Losinskas Alves, nº 1.298 Ø Jd. Príncipe • Padaria Primícias dos Pães: Rua Luiz Vaz Pinto, nº 451 Ø Jd. Monte Azul • Padaria Nossa Senhora Aparecida: Rua Guaianazes, nº 669 • Azulão Supermercados: Rua Guaianazes, nº 585 Ø Jd. Caju I e II • Padaria Hot Pão: Av. Jácomo Augusto Paccola, nº 76 • Supermercado Placa: Rua Joaquim Gomes Machado, 224 Ø Jd. Bela Vista • Mercado Emporium: Rua Jalisco, nº 93 Ø Jd. Ubirama • Padaria Cantinho do Pão: Rua Marechal Dutra, nº 420 • Quitanda do Forte: Av. Marechal Castello Branco, nº 414 • Padaria Trigal: Av. Pe. Salústio Rodrigues Machado, nº 994 Ø Centro e região • Armazém Supermercado: Av. Pe. Salústio Rodrigues Machado, nº 206 • Padaria Pão & Opção: Av. Brasil, nº 810 • Padaria Art Pão: Rua 7 de Setembro, nº 484 • Revistaria Marquinho Correa: Rua Dr. Antonio Tedesco, nº 663 • Didática Papelaria: Rua Dr. Antonio Tedesco, nº 252 • Farmais: Rua Ignácio Anselmo, nº 846 • Cíntia Fotografias: Rua Anita Garibaldi, nº 1.127 • Quitanda Avenida III: Rua Pedro Natálio Lorenzetti, nº 729 • Acilpa: Rua Piedade, nº 161 • Academia Corpo em Movimento: Rua 28 de Abril, nº 249 • Churrascaria Estância Grill: Rua Geraldo Pereira de Barros, nº 1.054 • Farmais: 15 de Novembro, nº 812 • Lençóis Revistas: Rua Ignácio Anselmo, nº 189 • Vivo: Rua Ignácio Anselmo, nº 100 • Chiquinho Sorvetes: Rua 15 de Novembro, nº 534 • Ramblas Livraria e Papelaria: Rua 15 de Novembro, nº 216.

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Editorial

Então é Natal... ...e, praticamente, Ano Novo também! Que estejamos, todos, felizes. Felizes com os resultados ou com a perspectiva desses para o ano que se inicia daqui a dias. A Revista O Comércio ainda veicula duas edições especiais para reverenciar as efemérides decembrinas e tem festa por todos os cantos da cidade, nas lojas, nas indústrias, nos escritórios, nos restaurantes, bares, lanchonetes, enfim, nas empresas, no Comércio. Dia 12 tem a gravação do primeiro DVD do Lucas Ferreira e dia 15, no Recinto José Oliveira Prado (Facilpa) a final do Circuito Sertanejo São Paulo, com a presença de cantores de todo o estado. A cidade ganha de presente uma loja com laço e luxo e prepara a eleição da Rainha da Facilpa 2014. A capa desta edição traz a jovialidade de Pedro Lenci. As profissões e áreas para a construção da carreira no Brasil e os consolidados empreendimentos de jovens e de homens e mulheres de negócios, empresários. Do lado laboral, o sempre interessante primeiro emprego e a personagem que encerra o ciclo com os parlamentares. O

enfocado, aliás, é empresário bem sucedido. Campeã de vendas é nossa colega de trabalho, uma sumidade na área. E tem os protagonistas das vendas no comércio, com as suas preciosas dicas. Automercado lembra que é tempo de licenciamento e IPVA para o ano que se inicia e também em Casa e Decoração as dicas para a quente estação de verão. Viagem e Aventura destaca o Panamá, país da América Central que é a bola da vez no turismo de negócios. Os melhores amigos são cães e cavalos que recebem todo carinho e atenção. O melhor do rock and roll está em Mural Artístico. A Melhor Idade é bem doce e o bom velhinho é quem o produz. Cuidados com a pele e cabelos são alvos em beleza e estética, tudo para a transformação no verão. O tempo também é de esportes, como o tênis em Craque do Mês. Saúde física, bucal, e mental são bem retratadas e o meio ambiente não ficou de fora, pois, é preciso manter saudável o ecossistema em Planeta Sustentável. Duas outras tentações são os doces e os livros. A edição está uma delícia. Ótima leitura!

Orar + ação = Oração A oração é arma poderosa contra o mal que se hospeda no coração do ser humano. O evangelista Mateus se reportou muito bem aos ensinos de Jesus no Sermão do Monte: “Pois, é do coração que procedem as más ações do ser humano” (Mateus 15:19). Algumas versões da Bíblia, no Salmo 66:18, ensinam que se contemplarmos ou guardarmos o mal em nosso coração o Senhor não nos ouvirá. O ensinamento retratado é de que, àqueles que acalentam o mal em seu coração, certamente não serão ouvidos em suas orações. Essa passagem é muito clara no sentido de que, mais cedo ou mais tarde, atitudes assim quando cultivadas em nosso coração gerarão ações, obviamente malignas. Acalentar, contemplar e guardar são verbos que nos remetem à atitude de manter o pecado escondido no íntimo. Entretanto, a decisão de orar, de ter uma vida de constante oração, com toda certeza nos afastará das tentações. O relacionamento com Deus, por meio de oração, é instrumento perfeito e infalível no afastamento do mal. Enquanto o adultério é o pecado em ação, o desejo impuro é o pecado acalentado no coração. Enquanto o assassinato é o pecado em ação, o ódio é o pecado guardado no coração. O salmista adverte que a quem acalenta o mal em seu coração Deus não ouve, ou seja, não precisa concretizar o pecado, basta intenções de maldade para que as nossas orações sejam interrompidas. Dentre os males do coração, está o desejo de vingança. A resposta é simples - é que o pecado nos afasta de Deus. Enquanto o pecado opera separação, a oração opera reaproximação. A oração válida é a que se faz acompanhar de uma ação diferente daquela guardada no coração. Assim, não basta orar é preciso agir. Marcos Ap. de Toledo Advogado, empresário e teólogo

EXPEDIENTE EDITORA RESPONSÁVEL: Gazeta Paulista Empreendimentos Editoriais Ltda. | CNPJ: 01.782.039/0001-70. COMERCIALIZAÇÃO E PRODUÇÃO: Bistrô Serviços de Publicidade Ltda. - ME. Rua 13 de Maio, Nº 1.347, Centro, Lençóis Paulista, CEP: 18683-370, CNPJ: 10.744.028/0001-97. TIRAGEM: 5.000 exemplares. CIRCULAÇÃO: Agudos, Borebi, Lençóis Paulista e Macatuba. DIRETORES: Anderson Prado de Lima e Breno Medola. EDITOR E JORNALISTA RESPONSÁVEL: Anderson Prado de Lima (MTB 75.180/SP). REVISTA O COMÉRCIO: (14) 3264-8187 e 3263-6886 | ocomercio@revistaocomercio.com.br | www.revistaocomercio.com.br. Artigos assinados são de responsabilidade de seus autores, portanto, podem corresponder ou não à opinião desta revista.


Acontece :: Comércio

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Papai Noel presente A tradicional chegada do Papai Noel à cidade será dia 6 de dezembro no Estádio Municipal João Roberto Vagula, o Vagulão, no Núcleo Habitacional Luiz Zillo O fim do ano chega e com o ele o clima de Natal, época de presentes, jantares em família, festas, amigos secretos... Com essa festividade, chega também a época de lugares decorados com enfeites, árvores, luzes e o famoso Papai Noel, dependurado em chaminés, subindo escadas ou até mesmo sentado. Tudo isso para tornar essa época, a épo-

ca da alegria, da solidariedade, do bom velhinho. A Associação Comercial Industrial de Lençóis Paulista - Acilpa, contribui para com esse clima natalino, ao trazer, em parceria com a Prefeitura Municipal, o Papai Noel. A chegada será no dia 6 de dezembro, mas, o Bom Velhinho permanecerá por dias para atender as crianças, tirando fotos e fazendo a alegria dos adeptos dessas comemorações.

Nesse dia, por volta das 20h30, Noel desembarca no estádio Vagulão e após sua chegada, seguirá em carreata até a praça Concha Acústica, onde já está montada a casa do velhinho e onde permanecerá até o Natal. Já na Concha Acústica, o público poderá acompanhar um show de fogos e muitas outras atrações, que são preparadas pela diretoria de cultura.

O início da campanha deste ano, foi em novembro e, desde então, consumidores no comércio local concorrem a vários prêmios. São 600 prêmios instantâneos, além

dos demais prêmios oferecidos pelas empresas associadas à entidade. O grande prêmio é um carro zero quilômetro, que será sorteado na Concha Acústica dia 11 de janeiro.

Os cupons, em formato de raspadinhas, adquiridos no comércio lençoense devem ser preenchidos no ato da compra e depositados em urnas nos próprios estabelecimentos.

Sob nova direção C

om representantes do comércio, indústria e serviços da cidade, a nova direção da Associação Comercial e Industrial de Lençóis Paulista – Acilpa tomou posse, formalmente, durante o Jantar dos Empresários, realizado no dia 16 de novembro no Clube Esportivo Marimbondo. Ao lado, os nomes e funções dos novos diretores da entidade para a gestão que começa em janeiro de 2014 e se encerra em dezembro de 2015.

• Anderson Prado de Lima, presidente; • José Antonio Silva, vice-presidente; • Ana Lúcia Conti Barbosa Ranzani, 1ª secretária; • José Ilton de Lima, 2º secretário; • Priscila Orsi Moretto Boarato, 1ª tesoureira; • Cíntia Terezinha Duarte de Souza, 2ª tesoureira;

• Mário César Trecenti, conselho fiscal; • André Canossa Coleone, conselho fiscal; • Manoel Browne de Paula, conselho fiscal; • Edwaldo Bernardes Biachini, suplência; • Gisele da Silva Jerônimo de Toledo, suplência; • José Maria Llobet, suplência.

3


4

Acontece :: Agenda

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

DeLucas & Leandro Final em Lençóis lançam nova turnê Depois de edições regionais por todo o estado, será realizada na Facilpa, a etapa final do Circuito Sertanejo São Paulo

Dupla lança sua primeira turnê de âmbito nacional em Agudos

N

o dia oito de dezembro em Agudos, na principal praça pública da cidade, a partir das 20 horas, será realizado o show de lançamento da nova turnê da dupla DeLucas & Leandro. O sertanejo romântico universitário da dupla pretende conquistar o gosto dos fãs da boa música por todo o país. Em apresentações já realizadas em diversos lugares como no Estado do Paraná, triângulo mineiro, Goiás e São Paulo, e a partir de composições próprias, a dupla tem causado as melhores sensações e emoções em públicos de todas as idades. Além dos shows da nova turnê, a dupla já prepara um novo DVD, com

C composições próprias e inéditas para o ano de 2014. De acordo com a assessoria de

comunicação, está em planejamento uma superprodução e muitas novidades.

om a presença de intérpretes da boa música sertaneja paulista, acontece no Recinto José Oliveira Prado (Facilpa), no dia 15 de dezembro, a etapa final do Circuito Sertanejo São Paulo, juntamente com a Festa dos Caminhoneiros de Lençóis Paulista, e que promete ser sucesso de público e programação. A adesão sai ao preço de R$ 5,00 e a ren-

da será revertida em favor do Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Piedade. Além dos cantores e duplas sertanejas que disputam o título estadual “Troféu Herculano Passos”, após mais de uma dezena de seletivas pelo Estado de São Paulo, estão garantidas as presenças das atrações: Orquestra de Viola e Violão “Boca do Sertão” e o grande show com a dupla sensa-

ção Bruno e Léo e Banda. “Nosso objetivo com a promoção do Circuito Sertanejo é o de preservar e propagar a música sertaneja cada vez mais, além de oportunizar a participação de duplas e cantores desse segmento da música popular brasileira e do cancioneiro raiz”, disse Nardelli da Silva, promotor de eventos e organizador do Circuito.

Agenda Dezembro de 2013 | Apresentações de dança Estúdio Corpus apresenta “Poema e Tela”

• Dia 7 de Dezembro às 19h30 • Dia 8 de Dezembro às 17h • Local: Teatro Municipal de Macatuba • Valor: R$ 10,00 • Venda com os alunos e no estúdio.

21ª apresentação de dança da Academia Passo a Passo • Dia 14 de Dezembro • Local: Teatro Municipal de Macatuba • Horário: 20h • Valor da entrada: Um brinquedo novo.

Grupo Street Star no espetáculo “Bem vindo ao show” • Dia 18 de Dezembro • Local: Casa Four • Horário: 20h • Entrada gratuita. • Entrega dos convites com os alunos

Inpulsus apresenta “Circus” • Dia 20 de Dezembro • Local: Casa Four • Horário: 20h • Valor da entrada: R$ 10,00 • Venda com alunos e na academia


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Vinhos e uvas Vinícola Casagrande realiza, entre 15 de dezembro e 5 de janeiro, a 2ª Festa do Vinho e da Uva

5

2014 Rainha da Facilpa

A

Vinícola Casagrande, localizada no Sítio Rocinha, é um local onde apreciadores do bom vinho podem degustar e levar para a casa essa bebida que é desde sempre uma iguaria. Antes, porém, poderá saborear, sentir os aromas, as nuances e desvendar as típicas sensações oferecidas pelo vinho. Os visitantes têm a possibilidade de visitar as parreiras e as construções históricas, incluindo a velha adega. É colocada à disposição informações sobre o processo de produção do vinho e da uva e, nessa perspectiva, a vinícola preparou uma programação de final de ano às pessoas que a visitam e que desejam conhecer o trabalho realizado. Começa neste mês de dezembro a Festa da Uva e do Vinho nas dependências

Acontece :: Eventos

Projeto arquitetônico rústico é uma das atrações do bairro rural da Rocinha

da Vinícola Casagrande será a segunda edição. Mais uma vez, os organizadores esperam contar com a participação de grande público em todos de sua realização. Programada para iniciar no dia 15 de dezembro, a abertura será marcada por almoço italiano - a espaguetada de ragu e salsicha - preparado pelo Master Chef Gigio, conhecido no país por realizar receitas especiais e a apresentação de música ao vivo pela jovem artista Júlia Nunes. Nesse mesmo dia, inicia-se a safra da uva, com momento de divulgação do acontecimento. As comemorações e to-

da a programação da festa seguem até dia 22 de dezembro com mais um almoço e cuja estrela do cardápio é a Paella Caipira, além de música ao vivo pela dupla João Márcio e Gabriel. Já no dia 29 de dezembro, acontecerá a Queima do Alho e a atração musical é a dupla Eric e Éder. No dia 5 de Janeiro, será servido um almoço especial e o prato principal é o famoso porco pizza. Para essa atração, também haverá a venda antecipada de adesões. Em todos os dias, a Vinícola Casagrande estará aberta à visitação e à comercialização das uvas,

mas, às pessoas interessadas em adquirir adesão para os almoços devem fazê-lo antecipadamente. Em apoio ao evento, estão algumas empresas da cidade e, na oportunidade, procedem demonstrações ou comercializam seus produtos, como é o caso, por exemplo, da Cutelaria com as facas e cutelos e os artesanatos da Casa do Artesão, dentre outras.

Serviço

Os pontos de venda dos convites são o Jornal Eco, Acilpa, XV Calçados e Salão da Ivana. Para maiores informações, contatar o telefone (14) 99661-4658.

A Associação Rural de Lençóis Paulista e a Revista O Comércio deram início aos trabalhos para o concurso Rainha da Facilpa 2014. Neste ano, o evento registrou os maiores índices digitais já vistos em Lençóis Paulista e região. Foram mais de 65 mil votos provenientes de 25 mil computadores diferentes. A próxima edição, com calendário de votação ampliado, deverá apontar números ainda mais expressivos. A comissão organizadora do evento já definiu o regulamento para o próximo ano, que prevê alterações importantes para quem deseja concorrer aos postos do reinado de 2014. A premiação entre Rainha, Princesa e Madrinha foram ajustadas com mais proximidade financeira. O primeiro lugar fatura R$ 3.000,00, já a segunda colocada recebe R$ 2.500,00. A garota que conquistar a terceira colocação, receberá R$ 2.000,00. Além dis-

so, cada uma delas também é premiada com um book fotográfico profissional dos estúdios Cíntia Fotografias. A participação ficará limitada a residentes em Lençóis Paulista. Também serão aceitas inscrições de quem trabalha na cidade há pelo menos dois anos e comprove a atividade. Outro ponto importante é que foi aumentado o número de finalistas provenientes da votação online, de 10 para 12. As inscrições poderão ser realizadas através do site. As Rainhas dos anos anteriores, terão a participação vetada nos concursos. Entretanto, cada uma delas se tornará membro do júri que elege as vencedoras, por tempo determinado. Princesas e Madrinhas poderão se inscrever normalmente. Todas as informações que contém o regulamento já estão disponíveis no site: www.rainhadafacilpa.com.br.


6

Acontece :: Comércio

Diferenças entre valor e custo do colaborador As pessoas que contribuem para com o crescimento e desenvolvimento das empresas, que todos os dias estão vestindo a camisa da empresa, digo não no sentido simplesmente de colocar o uniforme com uma logomarca, mas, sim, de defender os reais interesses do local que as acolhe e as ajuda em seu sustento familiar, em sua capacitação e prática profissional, no desenvolvimento da carreira. Essas pessoas atualmente denominadas como colaboradores são o capital mais importante de toda empresa. São elas os primeiros clientes, são também, em conjunto com os empreendedores, corresponsáveis pelo bom andamento empresarial. Quando empreendedor e colaborador trabalham com cumplicidade profissional, a melhora é bastante significativa no ambiente de trabalho, pois, existe certo altruísmo colaborativo entre as partes e isso é bacana. É firmada, portanto, a valorização do indivíduo. Claro que, para que isso aconteça, deve prevalecer sempre o bom senso profissional. Falando em custos de cada colaborador à empresa, esse chega a valores aproximadamente 100% a mais do seu registro em carteira, dependendo do enquadramento tributário no qual a empresa estiver situada. Já uma empresa enquadrada no Simples Nacional pode ter o custo próximo de 56%. Obviamente que são atribuídas às empresas pisos salariais de categoria, uma serie de benefícios por meio das convenções coletivas de trabalho estabelecidas com sindicatos. Por isso, os direitos dos colaboradores podem pesar bastante no bolso do empreendedor, mas não dá para mensurar sem se debruçar em cálculos específicos de cada setor. E uma coisa é certa, direitos são direitos e ponto. Cabe ao empreendedor, em parceria com o escritório de contabilidade e sindicato de categoria, encontrar formas de economizar sem ferir os direitos dos colaboradores. De fato, um colaborador pode custar caro, mas seu valor para a empresa é muito maior do que seu custo. Silvio Medeiros Contabilista e Educador Financeiro

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Economia aquecida A

lém da época característica com as festas de fim de ano, também o recurso extra do 13º salário contribui para com o aquecimento das vendas. E esse boom se estende até o mês de janeiro, quando o comércio ser reaquece com o bota fora de estoques, com a necessidade da renovação ou adequação de produtos de nova temporada. Lençóis Paulista, nesta época do ano, vê crescer o

Impulsionadas pelo Natal e Ano Novo, as vendas aquecem a economia local e geram emprego e renda à cidade número de ofertas de empregos temporários no comércio, em especial em lojas de roupas e acessórios e isso tem impacto direto na geração de empregos e renda, que repercutem em toda a economia e também nas contribuições e impostos municipais.

“Para muitas das pessoas, o que era apenas um emprego temporário, pode, com certeza, tornar-se definitivo, pois, com resultados positivos tanto no desempenho das vendas como de profissionais, pode resultar em emprego definitivo”, disse José An-

tonio Silva, o Neno, presidente da Acilpa. Ainda de acordo com o empresário e dirigente da entidade de classe, “a expectativa para o ano de 2014 é que o comércio continue a crescer em volume de vendas, até porque há a perspectiva de estabilização inflacionária e aumento do poder aquisitivo, “o que é uma excelente notícia e tomara se concretize já nos meses iniciais do novo ano!”.

Laço em luxo Mais uma novidade para Lençóis Paulista. É a loja de embalagens Laço em Luxo

D

ezembro é dos presentes, mais do que em todas as outras especiais ocasiões! Também é o mês de novidades e muitas atrações, por conta das festividades típicas como as celebrações do Natal e Réveillon. Em decorrência desses períodos comemorativos surgem novidades como a Laço em Luxo, uma loja com tudo para embalagem de presentes. Nesse novo e exclusivo espaço dedicado às embalagens as mais belas e cria-

tivas, tem caixas de diversos tamanhos, formatos, estampas, papéis, sacolas, sacos, laços, etiquetas, tags e muito mais. Além dessas novidades, e para os clientes que desejarem, a Laço em Luxo embrulhará presentes e disponibilizará a criação de lembranças para ocasiões especiais, como casamentos, aniversários e festas em geral. As sócias Lívia Coneglian Diegolo, Larissa Diegolo Miguel e Sérgia Diego-

lo de Souza perceberam que faltava em Lençóis Paulista, a opção de embalagens específicas para presentes. Lívia Coneglian, que trabalhou por um tempo como cerimonialista, tinha que buscar embalagens em outras cidades quando queria algo diferenciado às festas. “Laço em Luxo foi aberta para suprir essa necessidade na cidade, com produtos diferenciados e variedade no segmento”, garantem suas proprietárias. Para as festas decembrinas, a loja trouxe

enorme gama de embalagens com os temas de Natal e Ano Novo. As sócias acreditam que é uma época encantadora e querem, igualmente, encantar os clientes com as embalagens, presentes e lembranças.

Serviço

A loja Laço em Luxo está na rua José do Patrocínio, 1015, esquina com a Nove de Julho. O horário para o final de ano é de segunda à sexta-feira das 9h às 22h e aos sábados das 9h às 17h.


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Acontece :: Agenda

7

O primeiro DVD Lucas Ferreira grava seu primeiro DVD no mês de dezembro e espera grande público no show especialmente produzido para o dia 12

O

primeiro DVD é o sonho de todo intérprete musical, independentemente de qual seja o seu estilo. Para alguns, essa oportunidade para o salto na carreira, pode demorar a surgir, mas, para outros, ela aparece logo. E é assim para Lucas Ferreira, que, mesmo com carreira iniciada há pouco tempo, grava seu primeiro DVD ainda neste ano. “Sempre sonhamos com o primeiro CD e DVD, mas nunca sabemos o que pode acontecer de verdade. No meu caso, tudo aconteceu muito rápido e hoje, só tenho a agradecer a Deus, à minha família, ao meu empresário e claro, às minhas fãs, pois tudo que conquistei, devo a essas pessoas”, ressalta o cantor. Para Lucas Ferreira, gravar um DVD para os fãs sempre foi um sonho, mas que só se tornou realidade depois da parceria com o produtor Ivan Miyazato, que foi quem levou esse projeto que é desenvolvido em parceria com a Proeste Promoções, do grupo Pardal e a Bpop Music. A gravação do primeiro DVD será no dia 12 de dezembro, na Avenida Adriano Anderson Foganholi, 1.634, na Nova Lençóis. O salão fica localizado próximo a Divelpa, ao lado do Izi Hotel. “O público pode esperar diversas surpresas e será um dia inesquecível para mim e espero que seja para todos. Esse dia contará com convidados especiais que todos vão gostar muito”, ressalta Lucas Ferreira. Os interessados em participar da gravação DVD, devem trocar um brinquedo novo pelo ingresso e os pontos de tro-

ca são em Lençóis Paulista, na Rádio Hot FM, Rádio Ventura FM, Ginásio de Esportes “Tonicão” e o Ginásio de Esportes “Toniquinho”. Em Piraju, será na Rádio Eduvale FM e na Proeste Piraju. Botucatu, na Rádio Criativa FM e Proeste Botucatu. Na cidade de São Manuel, Rádio Integração FM e Proeste São Manuel. Em Avaré, Rádio Interativa FM, Rádio Nativa FM, Rádio Paulista FM e Proeste Avaré. Em Dois Córregos na Rádio Cultura e em Jaú na Rádio Energia FM. Crianças até 10 anos não precisam realizar a troca do brinquedo pelo ingresso. Todos os brinquedos serão doados para instituições carentes no Natal.

Carreira

Lucas Ferreira, aos 11 anos ganhou seu primeiro violão e então começou a aprender a tocar esse instrumento em curso que frequentou e também a cantar. Em seguida, porque não demorou muito, participou de Mostra de Arte em sua escola e os convites para cantar em bares e festas começaram a aparecer. Então, a paixão pela música também tomou dimensão maior e, assim, em 2010, fez sua primeira gravação profissional da música “Homem Apaixonado” e em 2012, gravou seu primeiro CD.

Serviço

Para mais informações sobre o show à gravação e a aquisição de ingressos, é preciso o contato através do telefone (14) 32644627 ou pelo e-mail contato@lucasferreiraoficial.com.br.


8

Empresário do Mês AÇOUGUE

BRECHÓ

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

PIZZAS

RELOJOARIA

Sangue bom Reinaldo Taminato tem mais de 30 anos dedicados à biomedicina e transformou seu laboratório em referência regional em análises clínicas

U MEDICAMENTOS

TRANSPORTE

m trabalho que se torna gratificante aos profissionais que realmente gostam de sua profissão, mas que, por vezes e até por desconhecimento, passa despercebido pela população. Com muita satisfação, Reinaldo Taminato declara que é muito gratificante ver o próprio trabalho crescendo e por poder prestar serviços à população da cidade a qual lhe acolheu e bem. “Recebi uma proposta de dois médicos da Faculdade de Medicina de Botucatu (Unesp) e aceitei colaborar no laboratório, mas, por conta da vida profissional de ambos, acabei por ficar sozinho com o laboratório”, comenta o biomédico e empresário. O processo de cresci-

Dr. Reinaldo Taminato, biomédico e empresário na área de análises clínicas com o Laboratório Hemolab

mento do Laboratório Hemolab se deu em decorrência do reconhecimento da qualidade dos serviços oferecidos e que, durante anos, permaneceu no antigo Hospital dos Canavieiros. Porém, com o passar do tempo, a vontade de ter a sede própria aumentou. Assim, e com o apoio da esposa Cássia Semedo Taminato, também biomédica e quem sempre o ajudou e apoiou em tudo, houve a decisão empresarial de investir na construção do próprio laboratório. O prédio moderno e funcional foi inaugurado no mês de novembro e fica defronte ao estacionamento principal do Cemitério Municipal. O empresário Reinaldo Taminato, pai orgulhoso do filho médico Gustavo Semedo Taminato, comenta também que

hoje o local é totalmente adequado e atende, como sempre, as normas da vigilância sanitária e do corpo de bombeiros. Ainda o empresário reforça: “visamos o bom atendimento em termos de conforto, agilidade e tudo que tem de melhor em laboratório de análises clínicas, com o auxílio da informatização total e daqui a alguns dias, o acesso dos resultados poderá ser feito através da internet, facilitando ainda mais para a população!”. O Laboratório Hemolab, conforme atesta Reinaldo Taminato, participa desde 2004 do Controlab - organismo de controle de qualidade e tem registrado ótimos índices nas avaliações realizadas. Além disso, recebe os prêmios entregues na cidade, como o Melhores do Ano e o Prêmio Ima-

gem desde que foram iniciados seus serviços. Os exames feitos no laboratório são os de rotina, como o de colesterol e diabetes, além de DNA, drogas e abuso sexual, exames hormonais, de doenças infecciosas. O Laboratório Hemolab, com a direção de Reinaldo Taminato, também faz exames periódicos em empresas e tem parcerias, há mais de 25 anos, com excelentes laboratórios de apoio. “Prestamos serviço de qualidade e temos o objetivo de fazer o melhor à população. Asseguro que temos métodos para conseguir evitar erros em laudos e sempre procuramos ser ágeis para melhor atender aos clientes”, conclui o médico que convida para conhecer as novas instalações do seu laboratório de análises.


Empresária do Mês

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Força de mulher Elza de Paiva, do salão Elke Cabeleireira, trabalha no ramo há 20 anos e aprendeu a excelência de liderar equipe

S

er empresária é uma tarefa difícil, pois liderar equipe requer competência, determinação e muita experiência na profissão ou na atividade especializada. E, em se tratando de negócio, para levá-lo adiante e obter sucesso, mesmo com a intensa concorrência, essa é também das tarefas mais complexas. Quando começou sua carreira, ficou durante seis meses na própria casa, até conseguir montar o próprio salão. Assim, Elza Maria de Paiva iniciou seu empreendimento e como líder de um grupo de funcionárias no ramo de beleza, com cuidados estéticos para cabelos, maquiagem, manicure e pedicure. “Não é fácil ser empresária, mas é gratificante,

Elza soube equacionar vida profissional e pessoal e obter sucesso em ambas

especialmente, do ponto de vista emocional. No dia a dia da lida empresarial, principalmente, quando começamos uma atividade, ouvimos e acreditamos que teremos apoio do governo, por conta do acesso a programas de financiamentos e créditos; que as coisas ficarão mais fáceis, mas não é bem o que acontece. É muito difícil aos microempresários conseguir algum benefício do governo. É muita publi-

cidade para pouca viabilidade”, comenta Elza Paiva. Em seu entendimento, “existem pelo menos dois lados dessa vida de empreendedor: o difícil, dado aos desafios, labuta diária, enfim, a luta para manter o negócio e o outro que é um eterno aprendizado, afinal, a liderança é uma nova fase na vida de qualquer um”. Ainda na avaliação da empresária do setor de beleza e estética, “é muito bom ter um relacionamen-

to amigável com a equipe que comandamos, mas, precisamos ter um ótimo estado psicológico, pois, nos deparamos com diversos problemas e, conseguimos também dar oportunidade no mercado de trabalho para muitas pessoas”. Um assunto que Elza Paiva conversa muito com sua equipe é de que não pode haver competição entre suas integrantes. Em seu modo de pensar, todas as profissionais precisam trabalhar juntas para que a qualidade do serviço do salão seja superior ao que é oferecido pela concorrência, bem como, que todas precisam trabalhar para o salão, pois só assim, as clientes irão voltar satisfeitas e procurar a profissional que as atendeu. Casada com Florivaldo dos Santos e mãe de Beatriz, Bruna e Bianca, Elza Paiva também divide sua rotina de salão com as jornadas de mãe, dona de casa e esposa. “Antes era difícil demais, pois, acabava levando os problemas para casa, mas, com o tempo, me acostumei e me adaptei a essa rotina e hoje, consigo administrar isso com facilidade e tranquilidade. Assim, faço meu trabalho muito bem feito e com muito amor”, finaliza.

9


10

Emprego & Carreira

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

E em 2014? Foto: Cíntia Fotografias

As pessoas sempre reclamam de ir ao supermercado, mas existem aquelas que sempre gostaram e conviveram com a rotina do estabelecimento comercial. É o caso de Ivete Henrique Lisboa Paschoalinoto, que trabalha desde sempre em supermercado. No início, foi como recepcionista, quando adquiriu muitas e boas experiências, como, por exemplo, trabalhar com o público, conhecer pessoas e ajudá-las e aprender toda a rotina, o dia a dia. Após seis meses, Ivete Lisboa foi promovida à caixa. “Foi uma experiência mais difícil que a primeira, pois, é de muita responsabilidade e requer muita atenção”, disse, ao reforçar que em todo o trabalho estar com o espírito ao aprendizado é imprescindível pois, há ino-

vações em toda e qualquer área. “Aprendo todo dia! Batalhei muito e cheguei onde estou hoje. Posso assegurar que é uma experiência gratificante”, comenta. Depois de experiências positivas, recebeu a oportunidade de ser gerente no supermercado Azulão (Monte Azul) e há 7 anos acumula experiência e tem a vontade “de aprender mais e mais”. “Ser gerente é uma responsabilidade ainda maior! É preciso ter muito jogo de cintura para conversar com os clientes, funcionários, fornecedores. Mas me sinto preparada às situações”, diz ela, ressaltando que “quer continuar a crescer profissionalmente e ajudar no que for preciso para que todos possam estar satisfeitos”, finaliza.

Ivete Paschoalinoto é gerente no Supermercado Azulão

Qual é a aposta de quem vai disputar uma vaga na universidade ou mesmo em cursos técnicos ou, ainda, de formação profissional?

Q

ual a área que estará em foco para os futuros profissionais que disputam o cada vez mais acirrado campeonato chamado mercado de trabalho? Como todo o mundo sabe, 2014 é o ano da Copa do Mundo e os palcos das disputas serão no Brasil. Muita gente pode participar como profissional em algum dos milhares de serviços gerados por essa promoção desportiva, como, também, ainda poderá, em 2016, nos Jogos Olímpicos, que serão sediados no Rio de Janeiro. Profissionais qualificados estão escassos no Brasil e também em outros países como Japão Estados Unidos e Alemanha, que ocupam o topo da lista, segundo apurou um estudo global da consultoria Hays e segundo seu diretor, Raphael

Foto: divulgação

O mercado de profissionais qualificados está em alta no Brasil e sobram vagas nas áreas estratégicas

Falcão, “o Brasil melhorou em relação ao ano passado, mas há ainda muita carência de profissionais qualificados em diversos setores”. Ainda de acordo com esse estudo, dos trinta países avaliados, dezoito mercados apresentaram falta de profissionais em relação ao número de vagas disponíveis. E o Brasil ocupa a 11ª posição na lista, atrás desses países já citados e outros como Suécia, Hungria, Rússia, Portugal, México, Canadá e Espanha. Especialistas de empresas de recrutamento e seleção dizem que no Brasil o cenário é promissor para profissões que foquem áreas como as de óleo e gás e mineração, com profissionais de engenharia e geologia. O agronegócio continua forte em empregabilidade e, assim, estão aquecidas carreiras de engenheiro agrônomo e especialistas em logística. Com a economia de estabilizada à perspectiva de crescimento, o consumo estará aquecido a

partir do aumento do poder aquisitivo da classe C – o que significa abertura de vagas para profissionais de negócios em vendas, marketing e finanças. A tecnologia, essencial para todos os ramos da economia, é um setor que também não para de crescer. Propício para engenheiros eletrônicos e técnicos com formação na área. Biomedicina é outra das áreas apontadas como em franca expansão e com mercado aquecido às contratações. A explicação para esse boom é que o desenvolvimento de medicamentos e próteses cresce no Brasil e deve, por isso, criar novas oportunidades para profissionais do setor. Finalmente, o setor de cosméticos é outro que está aquecido e tende a ser ainda mais ampliado, em especial com pesquisas na indústria da beleza com vistas ao desenvolvimento de novos produtos. E aí profissionais como engenheiro químico e biólo-

gos são o alvo dessa competitiva indústria, que já paga excelentes salários – de acordo com os estudos econômicos sobre empregos e carreiras. A região é pródiga na geração de empregos especializados no agronegócio, comércio e serviços, mas, também, em tecnologia de ponta. Na região fabrica-se desde alimentos como carnes, massas, biscoitos, café, açúcar passando por combustíveis como álcool, energia elétrica, celulose, softwares, ônibus e equipamentos pesados como tratores e máquinas e até aviões. São atividades que exigem cada vez mais qualificações profissionais. Também na região é possível cursar os diversos níveis de qualificação haja vista a quantidade de escolas por aqui instaladas, começando pela excelência do Senai e da Facol e outras, inclusive públicas, como Unesp e USP em Bauru. E então, já escolheu a sua carreira e já vislumbrou o seu emprego?


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Jovem Empreendedora

11

Saúde e experiência A

busca pelo corpo perfeito nessa época do ano é grande, as academias costumam ficar lotadas durante todo o dia. E é isso que faz Sheila Murador: ajuda pessoas a moldar esse corpo, com exercícios saudáveis. Apesar de antes nunca ter trabalhado com musculação e ter personalidade introspectiva, a jovem empreendedora deste mês conseguiu conquistar muitos aprendizados com a nova experiência como administradora. Sim, porque, além das aulas que ministra, ajuda o marido Vladimir Ribeiro da Silva e seu sócio Marcos Antonio Stoppa a administrar a Sprint Academia. Formada em Educação Física, Sheila Murador sempre se atualiza em cursos e troca experiências com muitas colegas de profissão de outras cidades, conseguindo melhorar o seu trabalho. Ela conheceu o marido, que é administrador, por acaso. Também assim foi que surgiu a ideia de abrir uma nova academia em Lençóis Paulista, em 2009. Passo seguinte foi o de se unirem a Marcos que tinha vasta experiência em academia, a ideia se concretizou e deu certo. “Em 2009, fiquei um tempo aqui. Depois, esta-

Sheila Murador sempre foi muito introvertida, mas, com a rotina na academia, se soltou e hoje se sente à vontade para ministrar aulas e administrar seu negócio

A sua profissão a ajudou na comunicatividade e também no empreendimento que ajuda as pessoas a manter vida saudável com exercícios

va com dois empregos, na academia e na Apae, com as aulas de educação física escolar e natação, uma experiência única e gratificante para mim. Mas, precisei escolher um dos dois lugares para ficar e então escolhi a academia, por ser um serviço novo, consegui me adaptar rápido e hoje amo o que faço”, comenta a jovem empreendedora. Outro fato que agrada Sheila Murador é quando as pessoas reconhecem o trabalho. “Tento passar minha experiência na área para todos. Não é fácil agradar, mas é gratificante receber elogios e ver que o trabalho feito apresenta bons resultados”, conta. Sempre com muita força de vontade para ajudar os alunos da academia, Sheila Murador tem muita determinação para aprender “e a cada dia mais” e se diz satisfeita com o que tem acontecido em sua vida. Para concluir, diz que acreditar que faz o seu melhor “e o possível para conseguir alcançar os objetivos e, especialmente, quando posso ajudar aos alunos a alcançar os seus próprios. Assim, percebo que cresço a cada dia que passa e, por isso, também, me sinto muito feliz!”.


12

Campeã de Vendas

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

De bem com a vida! Regina Mello trabalha com vendas há 22 anos, com muita alegria e dedicação aos seus clientes. Ela está sempre de bem com a vida e com a clientela!

O

departamento de vendas é dos setores mais difíceis para se trabalhar em qualquer que seja a empresa, pois, além de ser fundamental a conquista de clientes à realização da transação comercial, é imprescindível atributos como ótima comunicação à persuasão, amplo conhecimento sobre os produtos que se vende e, ainda, a maneira como aborda um cliente em potencial. Vendedora praticamente inata, Regina Mello, revela que desde seus oito anos de idade está nessa área da atividade empresarial. No início, vendia verduras para ajudar seus pais com as despesas da casa. Com o passar do tempo, Regina Mello cresceu e amadureceu, atuou com vendas de seguros e planos de saúde e de outros produtos, inclusive no mercado financeiro. Tomou gosto pela área, e, assim, seguindo seu talento comunicacional, se tornou vendedora campeã em anúncios para veículos de comunicação e já passou por vários deles em Ourinhos e Lençóis Paulista. Há 22 anos, a vendedora dedica seu tempo às vendas e gosta muito do que faz. “Estou há bastante tem-

Regina Mello encontrou na publicidade satisfação profissional e pessoal

po nesse ramo que adoro, porque, a atividade é a minha paixão e profissão, mas, sobretudo, é onde fiz incríveis amizades com pessoas de todas as áreas de negócios e de todas as idades”, diz a realizada vendedora. Ao proceder a um retrospecto da vida profissional, que não está dissociada das alegrias pessoais, ela conclui que a vida de vendedora lhe tem sido “muito boa porque tenho mui-

tos clientes e quando chego nos estabelecimentos é uma festa. E ter a presença festejada é mesmo algo que emociona. Tenho muitos amigos clientes, parceiros, e isso, creio, é por causa dos meus muitos anos de trabalho”, avalia. Regina Mello comenta também que existem clientes que ela não precisa nem visitar. Basta apenas um telefonema e os clientes já aceitam a proposta,

pois sabem que o serviço é garantido e a qualidade também. “Meus clientes sabem que minhas propostas são boas, honestas, vem ao encontro de suas expectativas e que quero – sempre – o melhor para todos os meus clientes!”. Mãe de Larissa, Taísa e Rafael, a vendedora campeã conta que “os desafios da profissão é que tornam a vida mais interessante, pois, a cada novo cliente é uma nova experiência, um novo e desafiador estímulo”. Para ela, o segmento de vendas tem diversidade, exigindo também habilidades diferenciadas. A venda de um produto é uma coisa certa, o resultado final já é visto no ato da compra, afinal, o produto é palpável. Já com anúncios e publicidade é diferente. Exatamente por isso, “é preciso conquistar a confiança dos clientes, pois, vendemos e após um tempo, ele pode medir o resultado. E, então, temos que lhe oferecer dados que o remetam à confiança e à credibilidade, para que o cliente fique satisfeito e volte a nos procurar, o que é gratificante para qualquer vendedor”, finaliza a representante comercial da Revista O Comércio.

Fotos: Revista O Comércio

“É preciso dar atenção, ser simpática, amiga dos clientes, ser muito compreensiva e paciente. Sempre devemos mostrar o máximo de opções que temos, para deixá-lo à vontade para escolher o que deseja”. Jaqueline Araújo; Potência 10.

“Conhecer os gostos dos s clientes e atender nessas predileções. E quando se trata de presente, comum nesta época, precisamos saber ao máximo sobre o produto para que não ocorram erros”. Sueli Beraldo; Lojas Silva.

“Procuro deixar meu cliente satisfeito de verdade, vendendo o que ele realmente necessita. Quando não tenho o que ele procura, tento encontrar com a ajuda dele um substituto que o agrade”. Diego Oliveira; J. Mahfuz.

“É preciso satisfazer o cliente, atender sempre bem, com calma e mostrar o maior número de opções. Também é ter jogo de cintura na negociação, pois, se não tenho o que procura, agilizo o pedido”. Marian Priscila; Center Cell.

“Temos que atender bem os clientes, independente de quem seja, dar atenção, mostrar todas as opções para ver qual o agrada e o fundamental: atender sempre de bom humor, de preferência com alegria”. Silvana Ribeiro; The Shoes.


Personagem

Observador Lençóis Paulista Dezembro de 2013

13

Dodô Santana não é mineiro, é paranaense, mas, é observador, pouco falante e bom nos bastidores empresarial, político e social

J

osé Santana (Dodô), 44, solteiro, empresário, é formado em direito, mas, o dia a dia é de administrador. A atividade executiva não o impede, se for preciso, de conduzir e proceder as operações de um trator ou máquina. Como político é vice-presidente do PSDB e vereador em seu primeiro mandato. O terceiro filho do casal José Rodrigues Santana (68) e Maria José de Santana (65) administra três empresas que tem em sociedade com o pai e, ao menos uma vez por semana, vai às frentes de trabalho para acompanhar o desenvolvimento das atividades das equipes e a qualidade do serviço. É irmão de Aldemir (falecido), Maria Ademilsa, Adelson (falecido) e Josemi.

Para Dodô Santana, a política é ainda o único meio de poder fazer o bem ao coletivo, ao povo!

Nasceu em São João do Ivaí, no norte do Paraná, cidade próxima de Maringá. Conhece Lençóis Paulista desde 1980, quando visitava os avós. Eles vieram primeiro à cidade. Dodô - apelido que ganhou de presente dos familiares quando ainda era bebê - veio em 1987 para jogar futebol, mas, esse investimento não deu certo. “Descobri que não tinha vocação para ser atleta e, assim, tive mesmo que trabalhar no pesado, na Ripa-

sa (1987-1990) na parte da lavoura”, relembra. Depois, no ano de 90 ainda, Dodô foi trabalhar na fábrica de doces Campineira, onde foi ajudante e, a seguir, promovido ao laboratório. Ficou por cinco anos nessa empresa e mais cinco na Dako, fábrica de fogões. Voltou para Lençóis no ano de 2000, porque a família tinha permanecido na cidade. Assim, Dodô foi trabalhar na área agrícola da Lwarcel, onde o pai já atuava com empre-

sa própria. “Associei-me ao pai e, assim, ampliamos a empresa que é especializada em silvicultura” disse, lembrando que, a partir daí, “houve a aquisição de mais tratores e equipamentos para realizar a destoca, preparo de solo para o plantio de eucaliptos”. Dodô é empresário há 13 anos. Ingressou na política, porque, quando estabeleceu residência, acabou por ter como vizinho o atual vice-prefeito Marise, mas, quem o apresen-

tou foi o atual vice-presidente da Câmara, Nardeli da Silva. Dodô é companheiro de todos os vereadores, mas, destaca a amizade de Jonadabe José de Sousa e de Manoel dos Santos Silva, seu colega de PSDB, onde a ficha foi abonada pelo então governador Alberto Goldman e o deputado estadual, Pedro Tobias. Mesmo tendo se filiado ao PSDB já há algum tempo, só foi candidato quando da primeira eleição da atual prefeita, Izabel Lorenzetti. Obteve 597 votos, faltando poucos para se eleger. Já na atual legislatura, a sua primeira como vereador, obteve 674 votos. Dodô diz que a experi-

ência do mandato é positiva, embora nem sempre seja possível por em prática projetos pois, “não depende apenas de nossa vontade”. Diz isso porque, como empresário, está acostumado a decidir pela empresa. “Na política é preciso negociação e, por vezes, grande dose de paciência” e também onde existe burocracia.” Isso o decepciona. A observação é sua característica e nas vezes que usa tribuna, fala “com o coração, com o sentimento. Procuro ajudar as pessoas, com assistência e socorro imediatos”. Tudo isso vem ao encontro do slogan de campanha: “Dodô, o vereador amigo do povo!”.


14

Automercado

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Licenciamento e IPVA Final de ano chega e com ele também as preocupações com o pagamento de despesas do ano seguinte, inclusive do carro

2

014 ainda não chegou, mas, já se vislumbram o que vem com ele, como os impostos e taxas inevitáveis e aí se incluem o pagamento do licenciamento e o imposto sobre a propriedade de veículo automotor, mais conhecido como IPVA. Embora o licenciamento seja realizado em mês indicado pelo número final na placa de identificação de cada veículo, terá que ser pago em 2014. E é preciso prestar bastante atenção nesse detalhe (veja box), para que a data não passe despercebida e o veículo não fique irregular, podendo resultar em multa e em sua apreensão. O valor do licenciamento depende do tipo de veículo de cada pessoa. Para consultar esse valor e

quanto ao vencimento, é preciso entrar em contato com o Detran ou procurar no site do mesmo para esclarecer as dúvidas ou, ainda, o serviço de um despachante policial. No caso de a consulta ser realizada pelo próprio interessado, é possível emitir a guia após a consulta sobre o valor que deverá ser pago. Para as pessoas que possuem cami-

nhão, o calendário de licenciamento é diferente e também pode ser consultado no site do Detran. Para licenciar um veículo, é preciso ter todas as multas quitadas e, no caso de São Paulo, ter realizado a inspeção ambiental, além de ter sempre alguém no endereço do veículo para receber o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo

As datas para licenciamento

• Placas com final 1 - Pagamento em Abril • Placas com final 2 – Pagamento em Maio • Placas com final 3 – Pagamento em Junho • Placas com final 4 – Pagamento em Julho • Placas com final 5 e 6 – Pagamento em Agosto • Placas com final 7 – Pagamento em Setembro • Placas com final 8 – Pagamento em Outubro • Placas com final 9 – Pagamento em Novembro • Placas com final 0 – Pagamento em Dezembro

(CRLV) pelo correio, pois é necessário assinar o aviso de recebimento. Solicitando o CRLV pelos correios, é preciso pagar (no banco) uma taxa de 11 reais, referente aos custos de postagem, ele será entregue em até 15 dias. Há a possibilidade de fazer o licenciamento eletrônico, mas para isso, a pessoa deverá ter em mãos uma cópia do CRLV e ter recolhido as taxas referentes ao licenciamento, ou seja, seguro obrigatório e eventuais débitos como multas e IPVA, além da taxa de postagem nos bancos credenciados pelo Detran. Para usufruir desse serviço, não é necessário ser cliente do banco. Mais informações podem ser obtidas neste endereço: www.detran.sp.gov.br.


Bons ares Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Pequenas mudanças no ambiente podem deixar a casa mais arejada e fresca no verão de altas temperaturas

A

s temperaturas começam a subir já bem antes do verão e sempre existe a invencível luta contra o calor dentro de casa, que pode ser vencido com ventilador, ar condicionado ou com algumas mudanças no espaço interno, tudo em busca do tão desejado frescor nessa estação do ano. A escolha de cortinas e pisos adequados também pode ajudar muito na sensação de frescor de uma casa. Para quem mora em apartamento ou sobrado, uma dica é aproveitar ao máximo as varandas. Deve-se usá-las como espaço de convivência e refeições e, no interior, não se recomenda o uso de piso de madeira. Quanto a estofados e carpetes, os tecidos devem ser adequados e bem escolhidos, as tramas finas costumam ser mais frescas que os outros tecidos. Para aqueles que vivem em cidades com inverno rigoroso, mas precisam de adequação durante o verão, as alternativas são ar condicionado, ventiladores e climatizadores. Basta escolher o mais adequado para sua casa e à temperatura de sua cidade. É preciso analisar o ambiente do imóvel, ver qual alternativa pode funcionar, e se mesmo assim o calor continuar elevado, outro modo de refrescar a casa é colocar persianas de tela solar, que são cortinas feitas com uma mistura de fibra que bloqueiam os raios do sol, bem melhores que as de tecidos de algodão.

Deixar a casa fresca é bom não só para quem mora nela, mas para visitas que podem aparecer nessa estação do ano, afinal, é tempo de férias e as pesso-

as costumam viajar. Assim, a casa confortável agradará a visita, além de ser adequada e com conforto, apesar das altas temperaturas no ambiente externo.

Sugestões que trazem mais frescor ao ambiente

• Prefira usar tapetes de fios curtos e de tons pastel; • Investir em peças de vidro como espelho, vasos e quadros refresca o ambiente; • Retire de sua casa objetos que não serão úteis no verão; • Se for possível, elimine cores escuras das paredes; • Cubra os sofás de cores pesadas com panos leves, como de algodão e linho; • As mantas de sofá devem ser deixadas de lado nos meses mais quentes; • Componha o visual de sua sala com tecidos leves e de cores claras; • As lâmpadas de LED não aquecem o ambiente como as tradicionais e ainda são mais econômicas; • Plantas são sempre bem-vindas, mas, cuidado, muita planta pode levar a sensação de calor ao ambiente; • A umidade das fontes colabora com os moradores da casa no verão, assim como aquários e outros artigos de decoração com água.

Casa & Decoração

15


16

Viagem & Aventura

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Panamá

Lívia Bernardes aproveitou a visita que fez à mãe no Panamá para passear e estudar outros idiomas como inglês e espanhol

D

urante oito meses, Lívia Capoani Moreira Bernardes morou com a mãe, a também relações públicas, Gisela Capoani, no Panamá. O país está localizado acima da América do Sul, já no início da Central e tem o privilégio de ter um canal que faz a ligação entre os oceanos Atlântico e Pacífico. O Canal do Panamá tem uma operação de eclusagem, que Lívia Bernardes já conhecia no Rio Tietê, em Barra Bonita, porém, em águas doces. Como está em desenvolvimento turístico, a principal atração do Panamá é o canal, que além de transportar passageiros em passeios embarcados, funciona como facilitador de cargueiros no comércio internacional. “Tem um turismo com lindas praias e muito desenvolvidas, do lado do oceano Pacífico, como o Caribe com ótimas orlas e atrativos à beira mar, belíssimos hotéis, uma vida noturna agitada, cassinos, bares e restaurantes, pessoas de todo o mundo vivem e trabalham por lá. É muito interessante”, ressalta. Também o Panamá é conhecido pelos e tradicionais chapéus feitos em palha com fino acabamento, como, também, as roupas tradicionais e que tem entre os adeptos, usuários como Sean Connery e Ernest Hemingway, dentre tantos, que adotaram o estilo chique dos panamenhos. Mas o que a motivou na decisão de ir a esse destino, além da oportunidade de rever a mãe que lá reside, foi o fato de poder aperfeiçoar os idiomas espanhol (língua oficial desse país) e o inglês, dado que por lá é bastante utilizado em razão da grande quantidade de estrangeiros em um pa-

A relações públicas confere a beleza da eclusagem no Canal do Panamá, país que cresce no desenvolvimento do comércio e turismo

ís que passa por momento de desenvolvimento, tanto econômico, quanto comercial, social e turístico. Ainda conforme diz Lívia Bernardes, a curiosidade sobre novas culturas, o contato com pessoas de outros países, tomar conhecimento e vivenciar valores culturais, educacionais e mesmo comunicacionais em relação aos do meu país, também foram fatores preponderantes na decisão à viagem, sem contar que, como constatou, “o Panamá é muito seguro e por isso também adorei essa viagem”. Uma viagem, certamente, é algo importante para qualquer que seja a pessoa. Na atualidade, é difícil encontrar alguém que não goste de conhecer locais e lugares diferentes dos do dia a dia. Às vezes, uma viagem pode ser algo planejado como férias ou por causa

do trabalho, porém, nunca deixa de ter seu valor. Na opinião da jovem relações públicas, “quando é a trabalho, o profissionalismo é levado em conta; já a passeio, é uma viagem que precisa ser proveitosa e contribua com a construção de nossas melhores emoções”. Lívia Bernardes, certamente como outras pessoas que viajam, teve satisfeitas as suas expectativas, especialmente, porque melhorou o conhecimento sobre a língua do país e a internacional língua inglesa e de conhecer o território e as pessoas que nele vive. “Panamá me surpreendeu, pois, avalio como um país que poucas pessoas de fora conhecem. Não é um dos que comumente são listados para visitas ou férias, mas é muito gostoso. Depois da primeira viagem, inesquecível, voltei mais duas vezes!”.


Informática & Tecnologia

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

17

Especialista em sistemas A Union Tecnologia garante que, a empresa que possui um sistema, está a frente das empresas que não investem nesse serviço

C

riada para atender empresas profundamente envolvidas com o sucesso, determinadas a vencer e dispostas a implantar soluções que geram rentabilidade”, conforme define o seu proprietário Érico José Mazzini, a Union Tecnologia está, desde 2003, no mercado tecnológico e ganhou ainda mais força em 2008, quando começou a implantar sistemas em grandes empresas e se consolidou no ramo. Érico Mazzini relata que a Union trabalha com vários segmentos de sistemas, mas o carro chefe é o denominado ERP, pois, é integrado, ou seja, permite que um departamento da empresa interaja com todos os demais, por meio do sistema e, “assim, há comunicação e possível visualização de todos os dados da empresa em qualquer que seja o setor”. Os sistemas disponíveis são o SAP Business One, que leva a solução completa e integrada para gestão empresarial e atendimento das obrigações fiscais. Também há o SgCOR, responsável por gerenciar e integrar todos os processos de negócios de uma empresa. Além do SgWEB, que é um por“

tal de vendas na web, disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana e é totalmente integrado com o SAP ou SgCOR. Outros serviços da Union são a fábrica de software, o gerenciamento de servidores e o gerenciamento de projetos de tecnologia da informação. Existem diversas vantagens para implantar um sistema dentro da empresa e dentre essas, está a de otimizar a mão de obra da empresa, que poupa tempo fazendo planilhas manuscritas ou na coleta de informações em outros departamentos. Além disso, o sistema ajuda na segurança da empresa, pois, através dele, aquele que recebeu o pedido, coloca o valor a ser faturado e a informação é segura e não pode ser alterada. Outra vantagem do sistema, e considerada fundamental, é que o proprietário da empresa, após decidir por esse investimento em seu negócio, consegue visualizar dados e informações dentro da empresa, que antes não tinha acesso instantâneo e atualizado. A Union tecnologia conta com equipe de 30 consultores de negócios, dez ana-

O proprietário Érico Mazzini investe em tecnologia de ponta e em profissionais qualificados para o desenvolvimento de softwares

listas de sistemas, 20 analistas de suporte técnico e três gerentes de projeto. “A implantação de um sistema passa por cinco fases, as quais são a garantia de que o sistema irá funcionar e que a empresa obterá com ele o sucesso desejado, descartando qualquer problema futuro relacionado à organização na empresa”, conclui Érico Mazzini.


18

Meu Melhor Amigo

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Amor aos bichos Raquel Morelli Dal Ben, desde muito cedo, ama animais de estimação e seus preferidos são seus dois cachorros e o cavalo

A

paixão por animais, às vezes começa na infância ou pode demorar um pouco mais. Mas, para Raquel Morelli Dal Ben, a paixão por cachorros começou desde muito cedo. “Gostava tanto de cachorros que pedia em todos os meus aniversários um. Como fui ficando com muitos, parei de ganhar um a cada ano. Dos que restaram e atuais, amo a todos e eles são minha paixão”, afirma Raquel Dal Ben. Movida a essa paixão pelos cães, há um ano e meio, também descobriu que adora cavalos e atualmente pratica 3 Tambores onde encontrou um belo exemplar, o Magneto. O garanhão vive no Rancho

Raquel Dal Ben e suas cachorrinhas, que são graciosas, adoram a companhia da amiga e gostam muito de brincar e de receber a atenção, já com Magneto, o cavalo, existe uma relação muito intensa de respeito e carinho; Raquel Dal Ben diz sentir que há uma energia muito boa entre eles

Três Meninas, aos cuidados da equipe, onde só tenho a agradecer a oportunidade ao Marquinho Toledo e Ana Paula Zillo. Casada com Rafael Dal Ben há dois meses, Raquel Dal Ben precisou deixar seus animais de estimação na casa de sua mãe e hoje convive com apenas duas cachorrinhas, a Sophia, da raça Pug e Victória, a Yorkshire. “Com o cavalo, o Magneto, a relação é mais intensa, o contato é mais fá-

cil hoje, pois parece que ele entende quando converso com ele. Ele sabe quando chego no rancho e ele é diferente no comportamento comigo e em relação à outras pessoas. Comigo ele é mais calmo, mais dócil, mas é preciso jeito para cuidar de cavalo, ou seja, precisa oferecer carinho, conversar e, principalmente, gostar”, comenta. Para Raquel Dal Ben, com cachorro é diferente. Eles brincam com todo o

mundo que chega. “Eles são super fofos e nos fazem sentir a pessoa mais importante do mundo. Não me imagino sem minhas cachorrinhas e o Magneto porque fazem parte da minha vida. Minhas cachorras são como filhas para mim e, por elas, eu faria tudo”, confessa. Outro aspecto que faz Raquel Dal Ben gostar ainda mais de animais de estimação é o fato deles a acalmarem e, por isso, afirma ser incrível como lhe faz

bem ir ao rancho, cavalgar com o Magneto, ou simplesmente, ficar próximo dele, interagindo. “Não vejo a hora passar, é uma terapia. Esqueço-me dos problemas, de tudo e só penso no momento com ele. Minha relação com o cavalo e com as minhas cachorras é muito íntima, e, de verdade, sinto como se fossem membros da minha família”, afirma, bem como, reforça, que sente existir a reciprocidade no sentimento

entre ela e seus animais, pois, “eles interagem e demonstram sentimento de carinho, de atenção, e, em especial, de confiança”. A editoria Melhor Amigo escolheu trazer a história de Raquel Dal Ben e seus insubistituíveis amigos animais por causa, exatamente, dessa relação de amizade que é digna de nota e exemplo a ser seguido, em especial porque é uma relação de respeito e carinho para com esses seres muito especiais!


Sociais

Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013

Flaviana e Welington 9 de Novembro de 2013

Kelle e Luiz Fernando 23 de Novembro de 2013

Kelli e Celso 16 de Novembro de 2013

Mariana e Heverson 16 de Novembro de 2013

19


20

Sociais

Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013


Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013

Sociais

21


22

Mural Artístico

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Rockpuro Fidelidade aos clássicos do rock and roll. Esse é o compromisso da banda One Cash com o público que quer fidelizar pela qualidade do repertório musical

Os jovens integrantes da Banda One Cash: compromisso com o rock and roll, clássico e com a qualidade musical

O

caminho para o sucesso é longo, difícil e estreito, principalmente, para os que escolhem a música como meio de vida. Um universo no qual tem espaço para todos, mas onde apenas alguns são valorizados como merecem e onde talento também precisa de investimento financeiro para ser reconhecido. “A One Cash surgiu a partir das bandas de garagem que nós tínhamos

e nas quais compartilhávamos dos mesmos gostos musicais e, assim, começamos em janeiro deste ano”, comenta Leonardo Cardoso, não se esquecendo de que o amigo Ivan dos Santos, integrante da banda Os Quatro, ofereceu grande incentivo e, assim, foi possível concretizar a ideia de montar um grupo mais sério e compromissado com a música. A banda tem como re-

pertório os clássicos do rock e tenta ser fiel a isso sempre, incluindo músicas de bandas como Beatles, A-há e Creedence, dentre outras que marcaram época - e que são lembradas até hoje, por gerações. “Cada um de nós teve influência diferente com música, porém, a banda conseguiu, na interação com cada repertório cultural se tornar algo real”, comenta Zeka Cardoso. A One Cash é composta

por cinco integrantes, Zeka Cardoso, 19, no vocal e violão, Leonardo Cardoso, 25, na bateria, Michel Ramalho, 21, no vocal e violão, Rodrigo Silva, 22, na percussão e Willian Douglas de Melo, 19, no baixo. “Acreditamos que dinheiro, reconhecimento e tudo o mais virão como consequência do nosso trabalho. Então, fazer o que gostamos e do jeito que queremos e, ainda, ser reconhe-

cidos por isso é muito bom. A banda significa isso para nós e é o que todos nós gostamos”, conta Rodrigo Silva. Michel Ramalho, vocal da banda diz que “ter uma banda é como ter uma família, existem brigas, como em todos os lugares, mas, sempre, nos acertamos. Agora estamos todos juntos, na formação original”. E mesmo com pouco tempo de estrada, a One Cash tem seu próximo show no dia oito de de-

zembro em Alfredo Guedes, durante evento da Associação dos Servidores Públicos de Lençóis Paulista. “Convidamos a todos para conhecer o lugar e para conhecer também o nosso trabalho, além de ficar diante de belezas naturais”, finaliza Willian Douglas.

Serviço

Telefones para contato: (14) 3263-0969 / (14) 99649-9476. Email: onecashoficial@gmail.com.


Moda & Estilo

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Viva a música Mesmo com pouca idade, Pedro Luccas Lenci, 15 anos, aposta em seu futuro como músico e quer crescer com seus colegas na Banda G5

A

paixonado por música e muito confiante sobre a própria vida, Pedro Luccas Lenci gosta muito de passar o tempo tocando com sua banda em ensaios e, principalmente, em shows. Apesar da pouca idade, enfrenta as dificuldades e obstáculos do dia a dia com um preparo que muitos – e de mais idade – necessitam, por isso, não costuma desesperar-se. “Não tenho ainda uma trajetória de vida feita, sou muito novo, mas, pretendo escrever minha história musical ao lado dos meus amigos e da Banda G5, que me deixa, a cada dia, mais feliz”, comenta O Garoto da Capa deste mês. Para Pedro Lenci, um desafio que teve na vida foi o de aprender a tocar o instrumento de cordas, o baixo, para que pudesse ingressar na banda. Hoje, acredita que deu certo, pois tem obtido bons resultados. “A minha maior felicidade e o meu motivo de maior orgulho, seria ver a G5 entre as melhores bandas da cena independente do país”, diz o garoto Pedro Lenci, que também não abre mão “de sempre ter amigos e a família por perto”. Fã de reggae e rock, no estilo Red

Hot Chilli Peppers, Pedro Lenci comenta que se estiver com os amigos, não importa o lugar, o momento será bom e que aposta muito em seu trabalho. Aliás, a G5 tem dado muito certo até aqui, mas independente disso, quer ir à faculdade e vivenciar a vida universitária. Com alegria, simpatia e muita dedicação, Pedro Lenci e sua banda, pretendem propagar o nome da cidade pelo Brasil e, claro, pelo mundo. Tanto quanto ele, os meninos da banda sonham com a imensidão de possibilidades e querem e se esforçam para tornar realidade. Para isso, investem em si próprios em relação a competência como músicos e, por evidente, em canções de qualidade e que possam lhes ajudar a conquistar o maior número de pessoas possível. O Garoto da Capa de dezembro, embora com responsabilidades para além de sua idade, não costuma se preocupar demasiadamente com o futuro, com o amanhã, porque, como diz, procura ser o mais responsável possível e, assim, vive “um dia de cada vez, com calma, tranquilidade e, claro, muita música, porque isso nunca pode faltar!”.

23


24

Moda & Estilo

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Sobre meninos e camisetas Camisetas são peças indispensáveis para o armário masculino, para todas as idades e quase todas as situações. Essa peça é pura versatilidade e inspiração para usar. Em meninos casuais, esportivos e mais modernos, não importa o estilo, elas – as camisetas – estão sempre presentes! No ensaio deste mês, apresentamos a nova coleção da Origenes Clothing, marca que nasceu aqui em Lençóis Paulista, através das mãos do talentosíssimo artista plástico Éder Flávio Soares, o Edinho. A grife apresenta personalidade singular e ultra moderna, que pode ser notada no lançamento da sua coleção de verão que se estampa na editoria Moda & Estilo desde mês, vestindo O Garoto da Capa. Preparamos várias produções para que o universo masculino – que gosta do estilo – turbine a inspiração para criar looks com camisetas. São calças mais justas, bermudas mais curtas, sobreposições com camisas e pólos. Enfim, disponibilizamos um mix de ideias para a sempre bem-vinda e indispensável camiseta. Além da grife lençoense Origenes Clothing, as demais composições são da loja Container Ecology Store. Os calçados ficaram por conta da Ok Fashion Feet. Cabelo e maquiagem ficaram sob a responsabilidade da renomada personal beauty Paulinha Maciel. As imagens foram clicadas nos requintados estúdios Cíntia Fotografia. Assinatura geral do trabalho é da celebrada personal stylist Carolina Ferreira. Com o melhor de cada profissional, a Revista O Comércio convida para o ensaio.

• Camisetas: Origenes Clothing • Calças e acessórios: Container • Calçados: Ok Fashion Feet • Consultora de Moda e textos técnicos: Carolina Ferreira • Cabelo e Maquiagem: Paulinha Maciel • Fotografia: Cíntia Fotografias

Curta nossa página no Facebook e veja mais fotos deste e de outros ensaios. www.facebook.com/revistaocomercio


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

O Garoto da Capa Dezembro de 2013 • Nome Pedro Luccas Lenci • Aniversário 30 de Março (15 anos) • Signo Áries • Mãe Priscila Luccas • Pai José Lenci • Educação 1º ano do Ensino Médio • Filme Se beber não case • Perfume Animale • Livro Como se tornar o pior aluno da escola; Danilo Gentili • Hobby Minha banda • Música Não Diga; G5 • Prato Churrasco • Viagem dos Sonhos Viajar o mundo com a G5

Moda & Estilo

25


26

Moda & Estilo

Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013


Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013

Moda & Estilo

27


28

Melhor Idade

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Vida doce O septuagenário e vigoroso Fausto Fuskini vende balas de côco com leite há pouco mais de dez anos em diversas cidades

C

ena das mais comuns nos dias atuais é esta que mostra pessoas na condição de vendedoras de salgados, doces e guloseimas. Também comum é que aparentem jovialidade e, em geral, são mesmo mais novas, com mais disposição. Mas é o incomum que nos fez registrar a história a seguir. Aos 73 anos, o senhor Fausto Alexandre Fuskini, deveria estar tranquilo, curtindo sua aposentadoria com netos, viajando, descansando ou se divertindo com amigos. Mas, ao invés disso, continua a trabalhar. Vende as balas que produz há mais de dez anos e percorre diversas cidades do interior, fazendo sucesso por onde passa e mostrando a qualidade de seu serviço. “Vendo bem as balas. As pessoas que compram pela primeira vez, compram sempre. Tenho feito sucesso com essas balas”, comenta Fuskini, que conta um pouco de sua história, não como baleiro, mas, do traba-

lho em outras áreas, como, por exemplo, na metalurgia. Mas a receita das balas aprendeu com um cunhado de São Bernardo do Campo. Foi a forma que encontrou de complementar a sua aposentadoria com uma renda extra, além de que com as balas, Fuskini tem conhecido muitas cidades em toda a região. “Eu morava em São Paulo e sofria muito porque fui vítima de vários assaltos”, conta ele, ao justificar porque se mudou para Botuca-

tu. Depois que se aposentou, formalmente, começou a produzir e vender suas balas e, assim, se manteve em atividade, a qual lhe faz bem porque se movimenta, passeia e, além disso, se diverte. Fausto Fuskini também conta que passa por diversas cidades como Conchas, Laranjal Paulista, Tietê, Cerquilho, Lençóis Paulista e Avaré, tudo para vender as balas, além de Botucatu, cidade na qual reside e onde permanece

Fausto Fuskini é conhecido dos clientes dos restaurantes da cidade por onde transita na hora do almoço

com as atividades de vendas aos sábados. Apesar da idade avançada, Fausto Fuskini expressa sua alegria ao contar de seus negócios, das vendas, da clientela que sempre o procura para comprar as balas, das pessoas que chegam para experimentar, pois ouviram de outras que seu produto é bom no sabor e no preço. O baleiro ainda conta que fica um dia da sema-

na em cada cidade por onde passa e normalmente na hora do almoço próximo a lugares de movimentação nesse horário. Em Lençóis Paulista, ele faz rodízios e, por vezes, fica defronte ao Varanda, Estância Grill às sextas-feiras até as duas da tarde e, aos sábados, em Botucatu nas proximidades do supermercado Pão de Açúcar. De fato, as balas produzidas por Fuskini são mes-

mo gostosas, com destaque para as feitas com côco e leite em pó, ou como ele diz, “leite Ninho”, marca conhecida pela qualidade. Mas, nem adianta pedir que ele não dá a receita! “Gosto muito do que faço, mas, também e sem dúvidas, quero descansar. Mas enquanto Deus permite, faço minhas balas, vendo e ganho meu dinheiro extra para ajudar no meu sustento”, finaliza.


Comportamento

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Renascimento J

osé Sonildo Lima dos Santos, 47, é casado há 25 anos com Edna Lima, sua grande paixão e a mulher de sua vida - literalmente! Baiano de Ilhéus, terra do cacau, ele chegou a morar numa fazenda de produção dessa fruta que é a base do chocolate, de propriedade do padrasto Tuliba Patrocínio Vilanova, que foi casado com a sua mãe, Clarice Rosa de Lima. Com o pai biológico, Francisco Bispo dos Santos, com quem pouco tempo de relacionamento e quem lhe deu dois irmãos: José Francisco, o mais velho e já falecido, e o caçula Valdeíde Lima dos Santos, com quem se encontra eventualmente, pois, mora na Bahia.

Ele foi resgatado a partir de uma palavra. Foi assim que do pó, renasceu e não voltou ao pó de onde, e definitivamente, saiu para voltar à vida! José Sonildo teve infância infeliz, descaminhou, mas, renasceu. Há 18 anos em Lençóis Paulista, vive uma vida feliz com a esposa Edna, que o fez reviver

Vida e morte

A vida do então menino não foi nada fácil. Aos nove anos de idade, fugiu do rigor e das palmadas e foi morar nas ruas do morro Alto da Gamboa, bairro de drogados e prostitutas. “Comia o que me davam ou pegava do lixo”, conta ele, que, “mesmo miúdo morava sozinho até ser adotado por uma senhora, uma velha prostituta, Dona Francisca”, que o acolheu com “o carinho de mãe” e o deixou ficar para dormir e

se banhar na Casa da Luz Vermelha, coloração das luzes que identificava as casas de prostituição. “O que combinamos é que eu só podia estar na casa, quando não havia programas. Chegava depois das 6 da manhã e saia no início da noite”. Voltava para o morro, em um caixão de ferro com cama de esteira. Para sobreviver, pra-

ticava pequenos furtos na praia e foi preso pelo sargento Duarte “aos 15, e quem me encarcerou foi o temido cabo Nivaldo”, ainda se lembra. Puxou cadeia por nove meses “pois ainda não tinha o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente, tampouco havia o cumprimento de lei”, avalia, mas, também pelo fato de

não mais ter contato com a família. Liberto, e aos 16 anos, veio de ônibus para São Paulo. Na rodoviária de Ilhéus, conheceu um casal que aceitou que se passasse por filho, já que não conseguiria viajar sozinho. Escolheu Guarulhos, onde se instalou em uma marquise “nas imediações do supermercado Turmalina, Jardim Cocaia”, recor-

29

da-se, por onde viveu “como andarilho e usuário de todo tipo de droga, inclusive as mais pesadas.”

Libertação e renascimento

Então sem qualquer perspectiva de vida saudável e consumido pelas drogas e marginalidade, José Sonildo foi abordado por uma jovem pregadora

da palavra de Deus, uma evangélica, que a ele - sujo e maltrapilho - disse: “não o conheço, mas, peço um minuto de sua atenção: ‘antes de morrer, você vai ter um momento com Deus, porque Jesus te ama!” Essas palavras mexeram com sua mente e coração e de forma definitiva. Renasceu naquele momento. “Consegui trabalho em um depósito de gás na avenida Faria Lima em São Paulo e algumas pessoas me ajudaram na recuperação, como o major Massuia e o tenente Bonfim”, recorda-se, inclusive citando, inúmeros nomes de pessoas que também por aqui o acolheram. Entretanto, nem tudo, foram flores, pois, passou por processo doloroso, já que a droga havia lhe deixado debilitado, a ponto de se submeter a cirurgia que retirou vísceras, parte do intestino. Por nove meses, ficou na cama e aquela moça voltou a vê-lo e foi quem cuidou de sua recuperação! Tornaram-se amigos e, um tempo depois, casaram-se. Desse amor, nasceu Tamires e ela lhes deu a neta, Taiane Victória. Vitoriosa, aliás, é essa história de amor que não apenas o ajudou a mudar, mas, a valorizar a vida!


30

Craque do Mês

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Uma paixão pelo tênis! Ricardo Placca conheceu o jogo de tênis aos 10 anos e nunca mais abandonou essa prática desportiva

N

o início da prática desportiva, ainda quando era criança, Ricardo Adriano Placca jogava futebol, como qualquer menino que sonha ser um profissional no ramo do futebol, sonhava ser um craque! Mas Ricardo Placca, aos dez anos, também tinha atividades artísticas, como aulas de violão, durante as quais, recebeu o convite do seu amigo Claudinei Capelari para participar de aulas de tênis e, desde então, não parou mais. “Foi paixão à primeira vista, ao primeiro treino. Fui bem no esporte, competi alguns torneios como federado e fui cam-

peão em vários. Para mim, um dos mais importantes momentos foi quando ganhei o campeonato do Bauru Tênis Clube”, comenta Ricardo Placca. Após um período de títulos, campeonatos e muito sucesso no esporte, naturalmente, Ricardo Placca começou a ministrar aulas de tênis em 1986 e quando se deu conta do que ocorria em sua vida, já era professor do esporte em Macatuba e isso quando tinha apenas 17 anos. Após um tempo na vizinha cidade, passou a ministrar aulas duas vezes por semana em São Manuel e, depois, na sua Lençóis Paulista.

O desportista Ricardo Placca que tem o tênis como paixão e cujo esporte o anima a participar de campeonatos ou mesmo pelo puro prazer da sua prática

Depois disso, surgiram diversas oportunidades, dentre as quais o Hotel Estância Barra Bonita, onde trabalhou na clínica do tênis. “Por conta de muitas aulas que acumulei, parei de competir, fui perdendo um pouco da agilidade de competição,

então, fiquei só como professor”, destacou. No ano de 1994, Ricardo Placca precisou deixar o tênis para se dedicar ao comércio da família, a Vidraçaria Placca, mas, mesmo com todos os compromissos desse empreendimento, o tenista nun-

ca deixou de jogar e sempre participa dos campeonatos no Clube Esportivo Marimbondo. Casado com Luciana Bueno Placca e pai de Guilherme, Ricardo ainda conta que de sua família, apenas sua irmã Regina jogou tênis e seu filho que jogou

quando mais novo, mas, agora, com 18 anos, é jogador profissional de futebol. “Agradeço a todos que já passaram na minha vida, no esporte e também na minha trajetória. Amo o tênis e pretendo nunca sair desse esporte maravilhoso”, finaliza.


Voluntários do Bem

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Criatividade

31

Raphael Blanco e a equipe da Adefilp usam da criatividade para adaptar materiais e criar condições às atividades desportivas para deficientes físicos

A

necessidade de superar desafios para além dos já colocados no dia a dia é, por vezes, o grande estímulo ao desenvolvimento da criatividade que suplanta dificuldades. Foi a necessidade somada a falta de recursos financeiros para a aquisição de equipamento industrial que fez com que o professor de educação física, Raphael Blanco – monitor desportivo da UME/ Prefeitura Municipal – e que trabalha Atletismo para pessoas com deficiência física na Adefilp desenvolvesse, com a ajuda de membros da entidade, uma calha própria para a prática da bocha, modalidade desportiva paraolímpica. Durante dois anos, tentou-se conseguir uma calha através de patrocínios e apoios, mas não foi possível a realização desse objetivo. Então, o monitor e educador físico, teve acesso a algumas calhas por meio de fotos e também por visitas que fez a centros dotados com vários modelos e, a partir disso, com a interação com a equipe da Adefilp, dentre os quais, Antonio Carlos Taioque e com o presidente da Adefilp, José Carlos de Oliveira, o “Baixiniho”, começou a rascunhar um modelo próprio e com a

Os membros da Adefilp praticam bocha paraolímpico, com auxílio da rampa desenvolvida na própria entidade

ajuda do Adalberto Carlos dos Santos, cortaram, mediram, soldaram e, pronto, a calha da Adefilp estava pronta para ser usada. “Na Adefilp, contamos com o vice-presidente da entidade, Edson Santiago dos Santos, que é tetraplégico e consegue movimentar, com muita dificuldade, apenas a cabeça e a mão esquerda. Então, busquei uma alternativa para que ele pudesse ser

inserido em alguma prática desportiva e descobri a bocha paraolímpica”, comenta Blanco. Em 2011, com transporte da prefeitura municipal, Raphael Blanco e Edson Santos viajaram para Mogi das Cruzes para conhecer a modalidade desportiva bocha e o campeão mundial Dirceu Pinto Guedes. “Para a prática da bocha paraolímpica, Santos necessitaria de uma calha para po-

der jogar, pois, esse aparato é indispensável às pessoas com a deficiência semelhante a dele e como qualquer outro material adaptado (a calha profissional e o jogo de bolas de bocha) é muito caro”, ressalta. “Infelizmente, as bolas (bochas) para o jogo ainda não conseguimos, então, improvisamos com bolas de tênis, mas, acredito, que em breve conseguiremos. O jogo de bolas custa

por volta de 700 reais. E é interessante vê-lo jogando, pois, é mais fácil de explicar o jogo quando ele acontece”, conclui.

Projeto desportivo inclusivo

O educador físico iniciou o projeto Clube Escolar Paraolímpico, projeto em parceria com o governo federal e o Comitê Paraolímpico Brasileiro na entidade, onde crianças com deficiência – matriculadas em qualquer entidade registrada pelo MEC – têm a oportunidade de participar de uma atividade física

e desportiva, como o atletismo e natação.

A Adefilp

A Associação dos Deficientes Físicos de Lençóis Paulista, de acordo com o estatuto da entidade, tem como objetivos propiciar a convivência e a troca de experiências entre pessoas com e sem deficiência, estimular a autonomia e a independência das PCDs (pessoas com deficiência), favorecer a discussão e a implantação de ações que facilitem a vida das PCDs, facilitar o tratamento e a reabilitação de seus associados.


32

Culinária & Gastronomia

Divinos e doces Dolceria Di Vinna traz para a cidade novidades em doces e tem como proposta continuar com inovações gastronômicas

H

á dois meses em Lençóis Paulista, a Dolceria Di Vinna produz deliciosos doces, como bolo no copo - o mais vendido no dia a dia -, além de tortas doces, sobremesas, bolos e doces para festas (aceita-se encomendas), pão de mel, torta alemã, torta holandesa, mousse e muitas outras iguarias. A doceria também tem novidades em salgados, pois oferece ampla diversidade deles e, ainda, cafés. Para quem gosta de agradável tarde na companhia de amigos, familiares e com deliciosos petiscos, o lugar é ideal porque é aconchegante. No setor de cafés, são diversas as opções em gelados e quentes. Também há bebidas como o chocolate gelado, cappuccino (inclusive com opção de adição de Nutella) e o tradicional café expresso.

Produtos Dolceria Di Vinna que já são a sensação na sobremesa dos lençoenses: qualidade e preço são o diferencial

Para dezembro, as novidades serão ampliadas e o cardápio da Dolceria Di Vinna ganha mais dois tipos de lanche, tapioca e açaí. Neste mês especial do Natal, serão disponibilizados dois kits aos clientes: bolo e pavê médios e pudim, e no outro, a esses três itens há a adição de duas tortas salgadas. Outro produto que a Dolceria Di Vinna disponibiliza aos seus clientes é o famoso bolo de Kit Kat, cada vez mais presente em aniversários. Como a especialidade da doceria são os doces, a Dolceria Di Vinna pretende conquistar o público lençoense nesse segmento. Como curiosidade, e para ilustrar, a pergunta inevitável: quais são os produtos mais pedidos ou vendidos na Dolceria Di Vinna? E

de pronto, tem-se como resposta que é o bolo no copo e, na parte das encomendas, o bolo de leite em pó (Ninho) e o bolo de nozes, que já fizeram sucesso na cidade e continuam fazendo por conta de seu sabor único e de qualidade, a preço acessível. A ideia é a de crescer no gosto e preferência dos lençoenses, muitos dos quais, e por falta de opção, tinham que ir buscar produtos de doceria em outras cidades como Bauru e Botucatu e agora tem qualidade e variedade aqui mesmo em Lençóis Paulista e em estabelecimento de empresárias da cidade, que querem crescer “juntamente com a cidade e sempre com o espírito de qualidade e preço justo”. As proprietárias e sócias Ana Paula Casagrande e

Ana Paula Marciano garantem qualidade nos produtos e comentam que todos são produzidos na própria doceria. “Colocamos um preço justo, um valor que pagaríamos pelo produto de qualidade similar e optamos pela doceria, pois é um estabelecimento que não encontramos em Lençóis”, comenta Ana Paula Casagrande, ao dizer sobre o porque da escolha desse ramo para o empreendimento. E é assim, com muito trabalho, dedicação e esmero na qualidade, e mesmo com o pouco tempo na cidade, que a Dolceria Di Vinna cresce e se consolida nesse segmento gastronômico, “deixando todo o mundo com água na boca, e se tornando conhecida na maioria das casas lençoenses!”.

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Peixe light

Rendimento: 4 pessoas

Tempo de preparo: 40 minutos

Ingredientes:

• 1kg de tomate sem pele • 1kg de filé de cação • 1 cebola pequena • 2 dentes de alho • 1 vidro pequeno de leite de coco • 4 colheres das de sopa de azeite • Sal, salsinha e pimenta a gosto

Modo de Preparo:

• Tempere o peixe com pimenta e o alho e reserve. • Coloque os tomates no liquidificador com a cebola, bata bem, acrescente a salsinha. Agora, bata rapidamente. • Em uma panela, coloque o azeite e acrescente o molho de tomate. Deixe cozinhar por uns 15 minutos. • Acrescente leite de coco e as postas de peixe. Se preferir, acrescente uma cebola cortada em tiras ao molho.

Acompanhamento: • Arroz e vinho branco

Ademir Elizeu Sebrian Cozinheiro e proprietário do Bichano Pescados


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Respeitar é cuidar

Planeta Sustentável

33

O ecossistema é de todos e deve ser uma preocupação global. Joaquim Ribeiro, através de sua Transportadora Ribeirão, faz e bem a sua parte

O equipamento que permite a operação de limpeza e da água que retorna ao sistema e economiza os recursos naturais

O

meio ambiente tem se tornado assunto cada vez mais em pauta na atualidade e em todo o mundo. A sua preservação é a garantia de ampliação de expectativa de vida do próprio ecossistema, que inclui os seres vivos de modo geral, flora e fauna – e esta inclui os humanos. Aos que recém chegaram ao planeta e aos que virão, bem como aos que aqui ainda estão e que certamente viverão por muitos anos – graças a elevação da

expectativa de vida - é preciso que seja incutida em suas mentes a consciência da preservação das espécies e do meio ambiente. Alguns especialistas entendem que os cuidados devem ser sob a ótica da oportunidade de assegurar vida aos que virão e precisam de ambiente favorável para viver, além de preservar algo que todos usam, que todos precisam. Afinal, todo mundo depende dele para ter uma boa saúde e para que os negócios con-

tinuem seguindo de maneira sustentável. Altamente tóxicos ao meio ambiente, se não tratados e destinados a locais apropriados, os lubrificantes usados nos caminhões são separados e coletados pela empresa especializada já há muito tempo. E a sua destinação é para o rerrefino, transformando-se novamente em novos lubrificantes. Já os efluentes que contém detergentes utilizados na lavagem dos caminhões bem como a lama, resídu-

os de graxa e óleo, são destinados a caixas de decantação. Esse sistema já era utilizado na Transportadora Ribeirão. A novidade é que, dentro desse espírito da preservação dos recursos naturais, em especial com reuso. A empresa instalou a Estação de Tratamento e Reuso da Água, a ETAR 800, adquirida da Ecompany Tecnologia Ambiental. Nela, os efluentes são coletados depois das caixas de decantação e enviados para outras duas caixas

de efluentes brutos. Essas caixas enviam através de comandos eletrônicos para a Estação que procede ao processo de separação de água e borra, através da formação de microbolhas gerada por uma bomba. Há a separação para o leito de secagem, onde, posteriormente, essa borra é descartada em local apropriado. A água é tratada no processo através de produtos químicos e depois filtrada. O PH da água é monitorado. Essa água tratada é en-

viada para outra caixa, onde fica reservada e é novamente utilizada para a lavagem dos caminhões e pátio da oficina. Quando utilizada é enviada para as caixas de decantação e começa o processo de tratamento outra vez. “O investimento foi necessário. Temos que pensar no futuro e cada um deve fazer sua parte. Cuidar da qualidade dos recursos naturais é responsabilidade de cada um de nós. O meio ambiente agradece”, concluiu Joaquim Ribeiro.


34

Saúde

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Bebidas

vegetais Saiba quais são as bebidas vegetais e como podem substituir o leite, em especial por quem restrições à lactose

E

m maior ou menor grau, a população adulta tem intolerância à lactose, e um bom substituto do leite e que ainda pode trazer ao organismo os benefícios de suas propriedades é a bebida vegetal a base de soja, arroz, quinua, aveia e amêndoas. Assim, quem sofre de intolerância a lactose, pode consumir essas bebidas no café da manhã ou em outras ocasiões que teriam a presença do leite, mas apenas essas bebidas não são suficientes em valor nutritivo no dia a dia, sendo necessário uso de suplementos vitamínicos. Outro modo de substituir o leite, para aqueles que possuem a restrição, é incluir na dieta ingredientes como gergelim e folhas verdes escuras (couve, espinafre) que são fontes de nutrientes essenciais para a saúde dos ossos. As bebidas vegetais

podem ser ingeridas sem contraindicação pelos adultos, exceto por aqueles que têm alergia aos ingredientes utilizados e dos celíacos, que não podem consumir o leite de aveia em função do glúten. Já para crianças, é recomendado o uso a partir dos dois anos de idade, pois antes dessa idade, ainda recomenda-se o aleitamento materno, exclusivo até o sexto mês de vida e prolongado até os dois anos de idade, com alimentação complementar. Portanto, é preciso analisar os ingredientes dos alimentos e sempre procurar um médico para saber se é permitido a substituição do leite de vaca por essas bebidas vegetais.

Tipos de bebidas vegetais

De arroz - É hipoalergênico, não contém glúten, por isso é indicado

para celíacos. Tem pequeno teor de gordura e poucas calorias. Normalmente é adicionado de minerais e vitaminas. De aveia - Sem lactose e sem proteína do leite. As fibras solúveis presentes na aveia são eficazes na redução dos níveis de colesterol e também no controle das

taxas de açúcar no sangue. De soja - É livre de lactose, sendo um substituto ideal do leite de vaca para as pessoas com intolerância. Traz os benefícios já reconhecidos da soja: é boa fonte de proteínas, fibras, vitaminas do complexo B e também de isoflavonas que diminuem

os sintomas da menopausa. Estudos mostram que o consumo regular de soja reduz os riscos de câncer de mama e próstata. Não contém glúten. De quinua - É um cereal com um bom perfil de proteínas, além de ser fonte de vitaminas do complexo B e fibras. Não tem glúten e

pode ser consumido por pessoas de todas as idades. De amêndoas - Oleaginosas ricas em proteínas e em ômegas 3 e 6. Não contêm colesterol e tem alto teor de vitamina E, um antioxidante que retarda o envelhecimento precoce e previne contra o surgimento de doenças como câncer.


Fala Doutor

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Resgate de sorrisos Os implantes são suportes posicionados cirurgicamente para substituir as raízes dentárias e instalados no osso maxilar abaixo da gengiva

O odontólogo Mateus Prado de Lima é especialista em próteses fixas, implantes, e diz dos benefícios dessa técnica

I

ntegrados aos ossos, oferecem um suporte estável para os dentes artificiais. Próteses parciais e totais montadas sobre implantes não escorregam, nem mudam de posição na boca e esse é um dos grandes benefícios que essa técnica de fixação de prótese oferece durante a alimentação e fala. Essa modalidade é chamada “prótese sobre implante” e confere ao paciente mais segurança em todas as funções bucais proporcionando uma situação mais natural do que pontes ou dentaduras convencionais. Para algumas pessoas, as próteses e dentaduras comuns são simplesmente desconfortáveis. Além disso, as pontes comuns de-

vem ser ligadas aos dentes em ambos os lados do espaço deixado pelo dente ausente. “Com a colocação de implantes não é preciso preparar ou desgastar um dente natural para apoiar os novos dentes substitutos, como é feito nas pontes fixas convencionais”, comenta o dentista Mateus Prado de Lima, especialista em implante dentário e prótese. A pré condição é a de se ter gengivas saudáveis e ossos adequados para sustentar um implante. “É preciso se comprometer tam-

bém a ter uma higiene bucal muito cuidadosa e visitar regularmente o dentista, pois, assim, o sucesso do implante em termos de longo prazo será certo”, conta. Existem vários tipos de implantes. Tem o ósseo integrado, que é o mais recomendado na atualidade e que, de acordo com Prado de Lima se mostrou como o mais indicado no tratamento de pacientes parcial ou total desdentados. Tratam-se de implantados por meio cirúrgico diretamente ao osso maxilar, o período da ósseointegração demo-

ra de quatro a seis meses, após isso, é preciso uma nova cirurgia para limpar o implante ao meio bucal. Também existe a Prótese Protocolo, mais conhecida como dentadura fixa. Trata-se de prótese total, fixada sobre quatro ou seis implantes (em média) e é parafusada e retirada apenas pelo dentista. Ela confere boa estética e é uma ótima opção para quem pretende fugir da dentadura, exigindo bastante cuidado do paciente e pode ser produzida em materiais como resina ou porcelana.

35

Modernidade líquida Qualidade de vida é um termo amplo que envolve muitos aspectos tais como urbanismo, segurança, cultura, educação, engajamento social, tecnologias e outros fatores que dependem diretamente do estilo de vida de cada pessoa. Citando o sociólogo polonês Zygmunt Bauman, há a algum tempo estamos vivendo e nos desenvolvendo num mundo de muitas transformações, uma modernidade líquida, onde nada é feito para durar. O valor central da modernidade é a liberdade. Nosso processo de amadurecimento tem sido assombrado pelas faltas de garantia e de segurança, denunciadas pelos laços não duráveis, pela erosão da lealdade e pelo jogo predatório da exclusão social. Esse processo é irrefreável, sendo impossível diminuir a velocidade dos acontecimentos. Tamanha crise de referências pode nos obrigar a mudar a maneira como vivemos. Acredito que não são as crises que mudam o mundo, mas, sim, a nossa reação a elas. Para se alcançar uma boa qualidade de vida, atualmente não basta se adaptar, temos que ir além. Penso que para minimizar os efeitos da normose vigente, precisamos entender melhor as forças que estão atuando em nossas vidas e nos conscientizar dos efeitos bons e ruins em função das nossas vulnerabilidades. Nesse sentido, passa a ser ainda mais importante a nossa responsabilidade pela qualidade das nossas atitudes, pensamentos e ações; tecer uma política pessoal de resistência à oferta de serviços oferecidos no mercado à constituição da identidade e uma dose extra de resiliência para acreditar que somos interessantes quando somos nós mesmos. Não quero dar a impressão de que existe uma fórmula mágica, porque não é verdade. Mas existe um caminho baseado nas escolhas, dando significado à vida através de esforço e dedicação. Um caminho onde seja possível o desabrochar da própria potência. Acredito que somos capazes de direcionar nossas experiências existenciais de forma inventiva, tecendo projetos existenciais singulares e muito mais saborosos ao nosso paladar. Dra. Salete Cortez Psicóloga clínica, pós graduada e especialista em pânico e depressão.


36

Beleza & Estética

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Cabelos longos e festas TRANSFORMAÇÃO

Nunca uma combinação foi tão perfeita. Final de ano, festas diversas, da confraternização na empresa, ao encontro da turma, motivam up nos cabelos! Antes

Depois

Ao lado da stylist Geise Barbosa e de sua mãe, a cliente Studio G, Maísa Rodrigues, adorou o resultado e está pronta para as festas decembrinas

O

último mês do ano chegou e com ele eventos sociais, em especial as festas de confraternização de empresas, formaturas, encontros entre amigos, Natal e Ano Novo. Com a realização desses mais variados eventos sociais, as mulheres começam a se preocupar com o look para cada uma dessas festas de ocasião.

Senso comum de que a maioria delas se apega bastante à roupa e sapato que vão usar e, por vezes, se esquecem de que um grande detalhe pode fazer toda a diferença no resultado da produção: o penteado. “Coques trabalhados e presos com rede são os penteados clássicos para as festas de final de ano e mais indicados para as pessoas maduras”, diz a

hair stylist Geise Barbosa. Ainda de acordo com a profissional de estética e beleza, “às joviais, cabelos soltos e esvoaçantes estão em alta nesta estação. O ideal é abusar do estilo surf chic.” Para ela, “o cabelo solto e ondulado com raiz baixa e aparência de que a garota acabou de sair da balada será a vedete deste verão.” E os cabelos longos, po-

dem abusar dos inúmeros penteados. Alongar também é uma ótima opção.

Mega hair

O cabelo da cliente do Studio G, Maísa Rodrigues, 31 anos, secretária, conforme conta Geise Barbosa, “estava sem vida e muito comum. Ela queria algo impactante e, assim, a pedida foi o mega hair”. Ainda conforme desta-

ca a stylist, “a escolha que fizemos foi por um cabelo semelhante em cor e textura dos da cliente, exatamente para que o resultado – que pode ser conferido – fosse bem natural!”

De longe

A cliente do Studio G, mora em Itatiba e veio à Lençóis Paulista, cidade distante da sua para conhecer a técnica utilizada

no salão, aproveitando para se especializar na área com o curso de mega hair. Ao lado de sua mãe, que a apoia em todas as suas iniciativas, Maísa Rodrigues diz ter valido a pena vir até Lençóis Paulista, conhecer e aprender a técnica de tratamento capilar, pois, certamente, esse conhecimento adquirido vai lhe render bons frutos.


Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Feito em casa Receitas caseiras com ingredientes como salsinha e café e usadas para tratar pele e cabelo são práticas e fáceis de fazer

P

rodutos de beleza para pele e para o cabelo estão em todo lugar, dos mais simples aos mais sofisticados, desde supermercados, farmácias, shoppings e lojas especializadas em cosméticos. Em comum está o fato de que suas formulações prometem cabelos brilhantes, sedosos e sem frizz, e, na maioria das vezes, valem o quanto pesam, ou seja, são caros, mas os resultados ficam aquém do esperado. Para fugir de preços altos e resultados baixos, muitas receitas caseiras estão de volta e são utilizadas tanto nos cabelos quanto na pele. Além de custo-benefício, que deixa qualquer mulher muito feliz, há também a praticidade, agilidade e facilidade de preparar os produtos. Por exemplo, o mel que fica guardado no armário é ótimo para dar mais brilho ao cabelo e quem o utiliza dermatologicamente garante que ajuda na cicatrização das espinhas e deixa a pele e os lábios mais macios. As frutas também estão entre os grandes aliados das mulheres para a beleza. O abacate é dos principais protagonistas, mas a manga e a laranja também têm propriedades que podem ser muito bem aproveitadas. As verduras, como pepino

e até temperos, como salsinha, são muito bem vindos na hora de dar mais vida aos cabelos e à pele, especialmente no verão, quando o sol e a praia castigam os fios. Testar, com cuidado, as misturas e ver qual é a mais poderosa e apropriada aos cabelos é válido. Contudo, vale lembrar que é preciso sempre respeitar as proporções que podem ser usadas nos cabelos. É preciso atenção para o cabelo não ficar pesado e com aspecto oleoso e sem brilho. Outro detalhe importante é aplicar o produto apenas no comprimento dos fios, respeitando o limite de três centímetros da raiz do cabelo. Um segredo é massagear bem os fios, separar os cabelos em mechas e dedicar cerca de um minuto a cada uma delas. O ideal é hidratar os cabelos uma vez por semana ou a cada 15 dias. Para a pele, é preciso ter cuidado para não agredir o rosto e causar irritações e marcas. Por isso, sempre teste a mistura em uma pequena área antes de fazer a aplicação total. E, para maximizar os resultados, sempre hidrate a pele três minutos após o banho, pois é o período no qual há uma otimização da absorção dos ativos hidratantes.

Beleza & Estética

37


38

Cultura & Entretenimento

Lençóis Paulista Dezembro de 2013

Estranha melodia

E

ntre abril e junho deste ano, os artistas Michel Ramalho e Camila Simões tiveram a ideia de escrever um livro sobre o que sempre gostaram de conversar: o pavor ao escuro. Foi assim que surgiu o Estranha Melodia, nome oriundo da junção de títulos de dois blogs, o Estranha Noite e o Melodias Noturnas, ambos de autoria dos artistas que tem inspiração no estilo e cultura góticos. Aliás, para bem definir, “os góticos têm uma tendência a apresentar um senso de humor sombrio, um amor à história, literatura e à música. Tentar colocar os góticos em ‘tipos de pessoas’ seria impossível!” É o que dizem muitos adeptos desse estilo de vida. Mas em relação aos livros, cuja primeira edição circulou em agosto, a pretensão conforme dizem os autores é a de desmistificar essa paúra que muitas pessoas têm do escuro, é uma tentativa de refletir sobre – e o de desejo de fazer com que suma - esse medo. “É uma leitura do antes de dormir e por mais que ele estampe na capa al-

go que pareça trazer mais medo ao invés de afugentá-lo, não é o que acontece depois que a pessoa lê”, comenta Michel Ramalho. No início, a ideia do livro era apenas para a leitura online, mas começaram a surgir pedidos. Decidiram imprimir alguns exemplares, porém com muita dificuldade, pois o custo é alto. Michel e Camila precisaram de apoio financeiro, para conseguir imprimir mais exemplares, no primeiro livro foi de 75 exemplares, no segundo livro de 1000 e nos outros, o objetivo é manter a tiragem mínima de 500 exemplares. Um marcador de pági-

na virá como brinde aos que adquirirem a segunda edição do impresso. “Fizemos um por mês e estamos no quarto livro. Nosso objetivo é chegar à marca dos 13 livros, que é um número singular e significativo para muitos”, ressalta Camila Simões, destacando que as visualizações pela internet são significativas: mais de 2.000 visualizações em seus blogs, “com uma repercussão fantástica”. “Ganhamos apoio, além daqueles que nos ajudaram financeiramente, bem como da Diretoria de Cultura, que ficou com alguns exemplares para divulgação. A aceitação desse tipo de livro é difícil. A primeira coisa que as pessoas olham é a capa, mas, queremos também que as pessoas abandonem o preconceito, os estereótipos, para que consigamos propagar essa cultura para todos”, comentam. Camila Simões e Michel continuam em busca de apoio para as futuras edições desse que é “um trabalho prazeroso e uma maneira de dizer boa noite para as pessoas que leem!”.

HORÓSCOPO Áries

21/03 a 20/04

Comece planos de viagem e descanso para o final do ano. A afetividade expande as chances amorosas. Você está com senso agudo em suas escolhas.

Câncer

21/06 a 20/07

Tome conta do seu dinheiro, as tentações de fim de ano aumentam agora. Adie compras. Seus afetos seguem bem, um admirador te observa sempre.

Libra

21/09 a 20/10

Surpresas no trabalho vão aparecer. Você tem que ser rápido e mostrar suas habilidades para seu chefe. O amor está em baixa para você.

Capricórnio

21/12 a 20/01

Você tem um espírito mais atirado, confia muito no futuro. É capaz de dar um passo ousado, e com isso, conseguirá sentir um gostinho de liberdade.

Touro

21/04 a 20/05

Pegue firme no trabalho, capriche no que faz e no modo de tratar a todos os seus colegas. O amor, está em alta este mês!

Leão

21/07 a 20/08

Fonte: internet

Gêmeos

21/05 a 20/06

Você tem de tudo para brilhar profissionalmente. Fique atento a surpresas e convites inesperados. No amor, observe mais e aja menos.

Virgem

21/08 a 20/09

Seu entusiasmo é contagiante e fácil de convencer a todos de que você tem razão e seu caminho é correto. Você vai brilhar no amor, você é simples e contagia.

Seu ambiente doméstico precisa ser acolhedor, evite gente indiscreta para proteger sua intimidade. No amor, projetos em comum te unirão.

Escorpião

Sagitário

Tem amizades firmes e leais. Faça planos com quem você conhece muito bem, inclua uma boa dose de estudo, troque experiências.

Seu humor é muito variável, isso afasta as pessoas de você. Espere, pense para tomar decisões, assim conseguirá seguir o rumo certo sem tropeçar.

21/10 a 20/11

Aquário

21/01 a 20/02

Você tem muitos compromissos pendentes e pouco tempo para realizá-los. Negocie e os cumpra, anote ideias novas. O amor está em alta!

21/11 a 20/12

Peixes

21/02 a 20/03

Você foi reconhecido pelo esforço que tem dado há meses no trabalho. Por enquanto, a vida pessoal fica em segundo plano, enfrente novos desafios.


Cultura & Entretenimento

Lençóis Paulista Dezembro de 2013 Fonte: UOL

Fonte: Publish News

1º LUGAR Logo Eu Jorge & Mateus 2º LUGAR Tudo Que Você Quiser Luan Santana 3º LUGAR Na Linha Do Tempo Victor & Leo

M Ú S I C A S

L I V R O S FILMES

4º LUGAR

5º LUGAR

6º LUGAR

Jogos Vorazes • Em Chamas

Thor • O Mundo Sombrio

Meu Passado Me Condena

Sobrenatural • Capítulo 2

Bons de Bico

Capitão Phillips

9º LUGAR

Blue Jasmine

Roar Katy Perry

Gravidade

10º LUGAR

Jovem e Bela

Applause Lady Gaga

10º

Cine Holliúdy

Work B**ch Britney Spears 8º LUGAR Walking On Air Katy Perry

2º 3º

NADA A PERDER VOL. 2 Edir Macedo Editora Planeta do Brasil • Não ficção KAIRÓS Padre Marcelo Editoria Principium • Autoajuda A CULPA É DAS ESTRELAS John Green Editora Intrínseca • Ficção

Fonte: UOL

Não Fui Eu Paula Fernandes

7º LUGAR

Wrecking Ball Miley Cyrus

Fui Fiel Gusttavo Lima

39

6º 7º 8º 9º 10º

1889 Laurentino Gomes Editora Globo Livros • Não ficção A ESPERANÇA Suzanne Collins Editora Jovens Leitores • Infanto-Juvenil A CASA DE HADES Rick Riordan Editora Intrínseca • Infanto-Juvenil O TEOREMA KATHERINE John Green Editora Intrínseca • Ficção INFERNO Dan Brown Editora Arqueiro • Ficção O SILÊNCIO DAS MONTANHAS Khaled Hosseini Editora Globo Livros • Ficção CIDADES DE PAPEL John Green Editora Intrínseca • Ficção


40

Publicidade

Len莽贸is Paulista Dezembro de 2013

Revista O Comércio - Dezembro de 2013  

Edição de Dezembro da Revista O Comércio.

Advertisement