Page 1

cidadelle.com.br | ano 1 #02 | 2013 | R$15,00

altíssimo padrão De jornalista a empresária, a bela Ana Paula é sucesso em tudo que faz

// LIFESTYLE // business // motor // destinos // moda // gastronomia // bem-estar

Cidadelle 1


2 Cidadelle


Cidadelle 3


4 Cidadelle


Cidadelle 5


6 Cidadelle


Cidadelle 7


// editorial #02

Conquiste o seu futuro

Diretor Comercial Denis Guimarães Diretor de Engenharia Andre Luís Guimarães

Ilhéus e Itabuna encantam a todos, enchendo nossos olhos com as belíssimas paisagens e cultura local. A região é, sem

CIDADELLE.COM.BR | ANO 1 #02 | 2013 | R$15,00

Diretora Eliana Guimarães Administrativa Coordenadora Martina de Sá Teixeira de Marketing martina.teixeira@cidadelle.com.br

dúvida, promissora, e o presente mostra

Assistente Jamilly Nunes de Marketing jamilly.nunes@cidadelle.com.br

que no futuro será um lugar com qualida-

Estagiária Camilla Pedrosa de Marketing camilla.pedrosa@cidadelle.com.br

de de vida e prospecção de bons negócios. Projetos importantes serão implantados, como o Porto Sul e o gasoduto (página 92), e a incorporadora Cidadelle fará parte

ALTÍSSIMO PADRÃO

dessa história presenteando a região com

DE JORNALISTA A EMPRESÁRIA, A BELA ANA PAULA É SUCESSO EM TUDO QUE FAZ

// LIFESTYLE // BUSINESS // MOTOR // DESTINOS // MODA // GASTRONOMIA // BEM-ESTAR

Cidadelle_Final_1.indd 1

o empreendimentos de alto padrão.

Cidadelle 1

28/10/13 17:31

Conselho Editorial

Cuidado ambiental, qualidade de vida, cultura e saúde definem o estilo Cidadelle,

A revista Cidadelle traz para a região de Ilhéus e Itabuna um veículo de comunicação profissional e luxuoso todinho para você!

e são alguns dos temas que o nosso leitor irá encontrar na

Denis Guimarães, Jamilly Nunes, Leandro Maia, Martina Teixeira e Patrícia Magalhães

Editora-chefe

Patrícia Magalhães patricia@semprecom.com.br

Diretor de Arte

Leandro Maia leandro@semprecom.com.br

segunda edição da revista customizada e exclusiva. Ao folhear as páginas a seguir, você encontrará matérias informativas e descontraídas sobre o estilo de vida Cidadelle, que irá levar você numa incrível viagem a Aspen (página 82) ou a uma

Jornalista

Lara Guedes lara@semprecom.com.br

Estagiária de jornalismo

Mell Araújo mell@semprecom.com.br

degustação apurada com vinhos e queijos (página 56). Além da criatividade e autenticidade brasileira nas bolsas de Irá Sa-

les (página 22) e das obras de artistas como Bel Borba, Goca Moreno e Osmundo Teixeira, a revista também dará dicas preciosas de saúde, beleza e moda.

Designer

Rafaela Palma rafaela@semprecom.com.br

Com imenso prazer, nossa capa trouxe a beleza e a inteligência da jornalista e empresária Ana Paula Padrão, numa entrevista exclusiva que inspira e revigora a vontade de empreender. Enfim, uma edição que fará você descobrir que os sonhos estão mais próximos do que imaginamos, e que o futuro apenas

Fotografia Revisão Executivos de Contas

a nós pertence. Com enorme satisfação, apresento-lhes um pedacinho desse

Bruno Ricci Fabiana Rios Tony Pinheiro Érica Nabuco

lugar maravilhoso chamado Cidadelle.

Diretores

Denis Guimarães Diretor comercial

Acompanhe-nos nas redes sociais:

Patrícia Magalhães Leandro Maia Paulo Medeiros

Revista Cidadelle é uma publicação da Sempre Editora e Comunicação em parceria com a incorporadora Cidadelle. A Editora e a incorporadora não se responsabilizam por informações, conceitos ou opiniões emitidos em artigos assinados, bem como pelo teor dos anúncios publicitários. Proibida a reprodução total ou parcial de textos e/ou fotos sem a prévia autorização da editora.

para anunciar (71) 3018.0433 (73) 8846.2908 anuncie@semprecom.com.br


Cidadelle 9


// contents

Cidadelle magazine ano I • nº 02 • cidadelle.com.br

10.

capa

Ana Paula Padrão revela nova fase da vida em entrevista exclusiva

18.

BlOGUEIRAS

Meninas ganham seguidores com seus looks do dia e dicas de moda e beleza

22.

MODA DE LUXO

O design exclusivo das bolsas da estilista baiana Irá Salles

26.

VERDE EM ALTA

Seja chique e invista em atitudes e marcas sustentáveis

33.

ideias em pauta

Evento discute arquiterura, decoração e qualidade de vida

34.

DECOR

Casa Cor: Maior evento do ramo chega em Ilhéus e Itabuna

38.

espaço CIDADELLE

De estande à sede da Cidadelle, o espaço servirá para futuros eventos culturais

41.

ARTE

Artistas baianos exibem seus trabalhos em espaço exclusivo da Cidadelle


52.

CURTA A PAISAGEM

Cidadelle oferece espaço gourmet para refeições ao ar livre

56.

VINHOS

Especialista desvenda as melhores combinações com a bebida

60.

PEDAÇO DA FRANÇA

Restaurante Provence Bar em Ilhéus leva tradição francesa para a Bahia

62.

GASTRONOMIA

Desperte os sabores do mar através dos pratos do Chef Edinho Engel

66.

PALADAR REFINADO

I Festival Gourmet Cidadelle conta com menu de chefs consagrados e convidados

72.

VINDO DA ITÁLIA

O empresário Vincenzo Morelli fala como se apaixonou por Ilhéus

72.

STOCK CAR

Conheça os bastidores do esporte com o piloto baiano Patrick Gonçalves

82.

TRIP

Conheça Aspen através dos olhos de um viajante experiente

86.

MOTOR

Descubra o prazer de viajar pela estrada em cima de motos tops de linha

90.

+

trends

obras

Confira os cuidados com o meio ambiente no planejamento do Cidadelle

92.

ventos do sul

Novos investimentos na região de Ilhéus e Itabuna apontam crescimento da região

98.

TOP HILL

Horto Florestal em Salvador ganha empreendimento de luxo da André Guimarães

102.

PERFIL

16. Acessórios mulher 30. Cosméticos 48. Móveis 70. Acessórios homem 80. Óculos e relógios

Cantora, apresentadora e atriz, Luana Monalisa revela seus novos projetos

coluna

110.

78. Barcelona 114. Osho

106.

BEM-ESTAR

A beleza pode ser conquistada através de tratamentos que dispensam o bisturi

LIFE STYLE

Pratique a corrida e descubra os benefícios do esporte


// capa

12 Cidadelle


Mulher padrao Elegante, inteligente e desbravadora. Essa é a jornalista Ana Paula Padrão, uma mulher que traduz o jeito Cidadelle de viver por mell araújo e patrícia magalhães

Q

uais características de uma mulher a tor-

uma revista e a uma empresa de even-

na exemplo? Qual modelo feminino a ser

tos. Numa entrevista exclusiva para a re-

seguido? Bom, desde o feminismo – mo-

vista Cidadelle, ela fala dessa reviravolta

vimento que tem origem no ano de 1848,

da vida profissional, da sua paixão pela

na convenção dos direitos da mulher em

Bahia, de sua casa em Itacaré, fala sobre

Nova Iorque – as mulheres têm passado

beleza e muito mais.

por diversas transformações de atitudes e pensamentos. Se antes o que se buscava

Em março passado, você rescindiu seu

era a igualdade entre homens e mulheres

contrato com a Record e deixou o tele-

(de uma maneira geral), hoje sabemos

jornalismo. O que te levou a tal decisão?

que a intuição e sensibilidade femininas

Eu precisava cuidar das minhas duas

são primordiais para as empresas, mas

empresas. A primeira estava andando

que tem que ser tratadas de uma manei-

sozinha há uns quatro anos e a segunda

ra peculiar. Essa bandeira tem sido defen-

eu abri há dois anos. Estávamos num mo-

dida e disseminada por uma mulher que

mento crucial, acontecendo no mercado.

foto divulgação

poderíamos chamar de padrão: a Ana Paula. Ela abdicou do jornalismo para se

Qual as atividades das duas empresas?

dedicar à empresa Tempo de Mulher - a

Tenho a Touareg - uma produtora cria-

qual engloba o maior portal de conteúdo

da para contar boas histórias com uma

informativo para o público feminino -, a

pegada mais jornalística - e a Tempo de

Cidadelle 13


// capa

fotos bruno ricci

Mulher. Essa última possui três plataformas: o portal Tempo de

certo ainda é porque ainda não chegou ao final. Eu tenho um

Mulher, lançado em 2011, que cresceu muito rapidamente. Hoje,

otimismo que é muito natural. Eu despacho a mala aberta sem

temos 30 milhões de acessos/mês. No site, também aplico pes-

etiqueta de identificação e tenho certeza que ela vai chegar lá

quisas para me manter atualizada sobre o comportamento das

com tudo que eu botei dentro (Risos).

mulheres de classe média do Brasil. A segunda plataforma são as palestras, onde apresento os temas saídos das pesquisas do site e

Nunca é tarde para mudar e encarar novos desafios?

discutimos temas que são pertinentes às mulheres, como home

Nunca! Com oitenta anos você vai me ver com um projeto novo.

office, day off, saúde feminina, a tripla jornada de trabalho, entre outros. E por fim, a revista Tempo de Mulher Business.

Em que consiste a receita do sucesso? Não sei se existe uma receita para o sucesso. Existe? Paixão certa-

Largar uma profissão consolidada de sucesso e partir para uma

mente é um dos ingredientes. Você precisa gostar do que você faz.

nova experiência. Em algum momento você sentiu medo, pen-

Mas não adianta ter paixão e ficar sentado esperando acontecer.

sou que poderia não dar certo?

Tem que arregaçar as mangas e trabalhar pra acontecer. Sucesso é

Eu nunca penso que não vai dar certo. Eu acredito que se não deu

relativo. Depende muito do que você considera sucesso.

14 Cidadelle


Por que você escolheu as mulheres? Elas que me escolheram. (Risos) Quando eu voltei para o Brasil – apesar da minha carreira ter sido muito voltada para o jornalismo de assuntos hard news – eu comecei a ser muito procurada por mulheres. E eu me questionava “o que é que essa mulherada quer comigo?”. Porque era uma expectativa razoável, que de fato aconteceu, ser procurada por pessoas do mercado financeiro, políticos, mas, além deles, muitas mulheres – clubes de mulheres, associações de mulheres, mulheres individualmente. A partir daí, passei a falar muito para mulheres, dar palestras para elas. Então, a ideia da Tempo de Mulher surgiu aí? Sim. Comecei a estudar o universo feminino com um pouco mais de método. Li muito sobre o início do feminismo e estudei profundamente para entender e saber em que momento estava a mulher brasileira. Também pesquisei as plataformas de comunicação – digitais e presenciais – que existiam lá fora, nos Estados Unidos e Europa predominantemente. Acabei me encantando com esse universo e entendi o porquê delas me procurarem: porque viam em mim uma mulher profissionalmente bem-sucedida, que não tinha abandonado a carreira, mas que ao mesmo tempo não tinha abandonado o lado feminino. Eu continuava sendo mulherzinha. As mulheres não se masculinizaram muito para conquistar o seu espaço no mercado? Eu acho que qualquer movimento de mudança é radical. Tem que enfiar o pé na porta para que as coisas mudem. Então, é natural que isso tenha acontecido. Começou com o feminismo “homens e mulheres são iguais”, dogmas que já foram derrubados, mas que foram muito importantes, porque, efetivamente, abriram a porta para que não apenas os homens fossem os provedores da família, dando espaço para as mulheres entrarem no mercado de trabalho.

Determinada, Ana Paula diz estar sempre pronta para novos desafios. Para ela, não há uma receita para o sucesso, apenas, trabalho foto divulgação

Cidadelle 15


// capa Eu nunca penso que não vai dar certo. Eu tenho um otimismo que é muito natural. Eu despacho a mala aberta sem etiqueta de identificação e tenho certeza que ela vai chegar lá com tudo que eu botei dentro”

Em que você acha que as mulheres su-

tem que mudar algumas coisas interna-

xou de ter essas coisas, a relação não existe.

peram os homens?

mente. Mulher não se explica muito, não.

E as concessões também. O dia a dia é feito

Não acho que nenhum é melhor do que

Mas dá para entender. E eu estou acom-

de pequenas concessões. É uma troca.

o outro. É tão absolutamente comple-

panhando esse movimento histórico.

mentar que o ideal é que houvesse uma

O desejo de ser mãe ainda existe?

mescla entre os dois trabalhando juntos.

E o que quer Ana Paula Padrão?

Quando eu tentei engravidar eu tinha

O que acontece agora é que as mulheres

Ana Paula quer ser feliz!

acabado de me casar. E tinha ali muito

assumiram um monte de coisas que nos

de “quero perpetuar essa relação”. Eu já

anos 50 eram típicas do universo mas-

E o que te traz felicidade?

não era mais novinha e depois de várias

culino, e eles não fizeram o caminho in-

Tempo. Mandar no meu tempo. Produzir

tentativas e um aborto, eu decidi que

verso. Quando eles perceberem o quanto

também. Adoro produzir. Adoro gente.

aquilo já não era mais uma coisa boa. Ao

solidariedade, intuição, sensibilidade são

Adoro me comunicar com as pessoas. E

invés de deixar o casal mais feliz, isso es-

importantes e legais, a gente se equilibra

se com tudo isso eu conseguir fazer um

tava adiando a nossa felicidade. Eu esta-

e o mundo fica melhor.

trabalho legal, ótimo. Hoje, eu sou muito

va atrasando a minha vida por algo que

intuitiva e eu sei exatamente o que não

não acontecia. Não me fazia mais feliz

Como definir o que querem as mulheres,

me faz feliz. Assim, evito a todo custo o

me submeter àquele tratamento. Quan-

já que elas têm tantas particularidades?

que não me deixa feliz. Simplesmente

do deixa de ser felicidade para virar frus-

Pois é! A mulher é múltipla, ponto! Eu

digo não para o que não quero. Hoje,

tração, não vale à pena. Mas, se alguma

acho que, hoje, o que a mulher precisa

estou muito mais treinada para dizer não

hora isso fizer falta, a gente pode pensar.

é de tempo. Isso é valor fundamental

para o que eu não quero.

pra gente. A gente não quer só atender

Você tem alguma religião?

a agenda do outro. A gente quer atender

Além de sucesso profissional, você vive

Não tenho religião. Mas tenho muita fé

a agenda da gente também. A mulher é

um casamento longo e harmonioso.

em mim e em tudo que eu faço. Eu acho

muito múltipla e é essa a beleza da mu-

Como conciliar?

que tudo que vem em talento natural, se

lher. A relação mulher e trabalho passa

Acho que a responsabilidade é dos dois. E

a gente não trabalhar, não adianta, nem

por isso e para a empresa reter o talen-

eu não acho que as mulheres têm que fazer

Deus. Eu não espero, não faço promessa,

to da mulher, que é um talento que ela

mais concessões que os homens. Amor, res-

eu trabalho e dou o maior duro para que

não pode se dar ao luxo de não ter, ela

peito e admiração são fundamentos. Dei-

dê certo.

16 Cidadelle


1

2

3 1. fotografia de família com 1 ano e 8 meses . 2 e 5 em viagem à Colômbia com o marido. 3 e 4. fotos da adolescencia, aos 16, em Brasîlia e aos 14 anos no balé

4

5 fotos arquivo pessoal

Você vai fazer 48 anos e se mantém linda. Qual o seu ritual

Mas não vou tanto quanto eu gostaria. Principalmente, porque

de beleza?

as ofertas de voos diretos de São Paulo para Ilhéus diminuíram

A minha vaidade é me pesar todo dia de manhã para ver se en-

muito. Só aumenta no período do verão e não é a melhor época

gordei. Controlo o peso. Uso creme na área dos olhos durante o

para ir porque tá muito cheio.

dia e de noite. Uso filtro solar o tempo todo e vou à dermatologista a cada seis meses. Mas nunca fiz nenhum procedimento.

E a Bahia? Eu amo a Bahia. Eu adoro os baianos e eu adoro a Bahia. A com-

E nas horas de lazer, o que você costuma fazer para relaxar?

pra do terreno lá foi muito por acaso. Fomos passar um carnaval

Cozinhar. Adoro cozinhar no tempo livre. Ler, adoro ler, sempre

e ficamos encantados. Daí, fomos outras vezes e numa dessas

levo um livro para a cama comigo. E praia. Adoro praia! Adoro

vezes encontramos um terreno que interessou e compramos. E

estar perto do mar. Gosto mesmo! E sempre que a gente pode a

valeu muito a pena. Conheço o sul da Bahia inteiro. A Bahia é

gente escapa para a praia.

perfeita! É o melhor lugar do mundo!

Em Itacaré? Você tem uma casa lá. O que mais te atraí na região?

Ana Paula Padrão por ela mesma?

O contraste do mar com a floresta. Lá na nossa casa, todo dia

Eu sou bem-humorada, muito otimista, meio mandona... muito

tem uma novidade, tem raposa, pássaros diferentes, tatu, gatos.

mandona (Risos). Superamiga dos amigos, supersolidária e te-

Já adotei uns três. Passou um gato estropiado por lá, eu adoto.

nho uma energia enorme para a vida e para gente. Adoro gente!

Cidadelle 17


// desejo ELAS

Tecnologia de alto padrão em cosméticos para atender às expectativas do exigente público feminino.

Máscara KÉrastase Conhecida por ser a responsável pelo balanço e leveza dos cabelos da Gossip Gril, Blake Lively, a Máscara Kérastese Chroma da L'Oréal, é um tratamento para cabelos com luzes ou descoloridos, que renova as fibras dos fios através de micropolímeros iônicos.

Batom Chanel A Chanel surpreende com o batom Rouge Allure Velvet. Macio e suave, garante uma cobertura profunda e um acabamento intensamente luminoso. Tão hidratante quanto um batom acetinado, mas leve como uma segunda pele.

Hidratante Perricone Elaborados com base na teoria do envelhecimento pela inflamação, os produtos Perricone são feitos para agir diretamente sobre as necessidades da pele. A marca tem produtos para limpeza, rejuvenescimento, antirrugas que pode ser usado como base, entre outros.

Sabonete L’Occitane 100% vegetal, o sabonete L’Occitane é feito a partir de folhas trituradas, que esfoliam e energizam, renovando a pele e a sua disposição para o dia a dia. A Verbena tem o poder de estimular a pele e os ânimos, restaurando o bom humor e o bem-estar.

fotos divulgação

Estojo de sombra Dior O estojo da Sombra Dior Garden Clutch foi inspirado nas joias e em todo seu glamour. Sua semelhança com um acessório para noite faz dele uma peça de colecionador. Em seu interior, tudo o que uma mulher precisa para manter uma maquiagem perfeita.

18 Cidadelle

fotos divulgação

ELEGaNCe POUR FEMME


Cidadelle 19


// estilo.com

BLOGSFERA

DA MODA Antenadas, bonitas e experts: blogueiras baianas fazem sucesso com dicas de moda e beleza por lara guedes

L

ooks do dia, dicas, make up, moda, beleza, tendências, aquela peça indispensável, esmalte perfeito e por aí vai. Os temas dos blogs são os mais variados. Na vontade de mostrar sua paixão por moda e seus looks do dia, meninas dos quatro cantos do mundo viraram blogueiras e ganharam seguidores. Algumas baianas andam fazendo sucesso nas redes sociais, confiram o que elas têm a dizer sobre moda e estilo e quais são suas referências nacionais e internacionais.

20 Cidadelle


fotos divulgação

BLOG EMBELECER SEM MODISMOS Podemos dizer que o Embelecer é um bebê. Tem apenas dois meses e é carinhosamente chamado de Embe pelas blogueiras Vanessa Bittencourt, 22, Lorena Naiane, 28, e Jessica Bittencourt, 19. Mesmo com a pouca idade, já alcança uma faixa de quatro mil visitantes, trazendo o conceito de moda e estilo. “Constantemente vemos pessoas atreladas ao conceito de moda, apegadas ao que a mídia julga ser o “bonito”, sendo que ser belo é ser você mesmo, a essência do seu eu traduzida, no que você veste, gosta... Por esse conceito criamos o blog Embelecer para que, através dele, possamos compartilhar nossa intenção sem nenhuma pretensão de ditar regras e modismos”, explica Vanessa.

Tendências online: No Embelecer, as fashionistas de plantão poderão encontrar um look anos 50 a qualquer momento. “O mundo da moda tem sido bastante versátil”, diz Vanessa. O blog traz muitas novidades do universo da moda, mas preza por falar daquilo que as

Vanessa (à esquerda) é fotógrafa e cursa artes plásticas, Jéssica (no meio) ainda está tentando o vestibular e Lorena (à direita) faz engenharia de computação. As três têm em comum a paixão pelo mundo da moda e beleza.

agradam, mesmo que não esteja na moda no momento. Ótimo para aquelas que buscam looks diferentes e seu próprio estilo. “A tendência vai ser mesclar o inverno nacional com o verão internacional, vamos abusar de tudo que temos direito”, completa. Dica de blogueira: Apesar da moda, busque a identidade que faça valer a personalidade. Moda tem para todos os gostos!

As meninas do Embelecer são apaixonadas pelos looks e estilos que Miroslava Duma exibe em seu Instagram @miraduma. Ela é editora de moda da revista Harper's Bazaar e tornou-se referência fashion. O sucesso dela está em saber combinar roupas com diferentes cores e modelagens, das quais ninguém imaginaria que poderia ficar tão bem juntas. www.embelecer.com

Cidadelle 21


// estilo.com vidrinhos cintilantes MUNDO DOS ESMALTES

Tudo começou com

O que falar do Blog Vidrinhos Cintilantes?! Um verdadeiro

uma paixão. Paloma

mimo e um lugar para as amantes de esmaltes se esbaldarem

Lopes costumava postar

com as mais lindas cores, estilos de nail art, curiosidades, di-

as próprias unhas, as coleções

cas, novidades, dentre outros. “Todos os posts são pensando

e os esmaltes que ganhava ou comprava – hoje ela possui cerca de

nas seguidoras e leitoras. Repasso tudo que descubro, gosto de

550 vidrinhos. Muitas pessoas começaram a segui-la para conferir

dividir tudo com todas, pois sei que elas também querem ficar

as suas últimas dicas. Logo ela fez o Instagram @vidrinhoscintilan-

antenadas”, afirma Paloma Lopes, 23, responsável pelo blog

tes, que depois de 1 ano de criado, possui 5.500 seguidores. “Mas

Vidrinhos Cintilantes.

como os posts do instagram estavam ficando meio longos, senti a necessidade de ter um blog. Aí a Revista Beauté Brasil me presenteou com um site lindo. Foi o presente mais legal e inesperado que

Paloma tem muitas inspirações para o seu blog, uma delas é a Camila Coutinho, do blog Garotas Estúpidas. A blogueira é designer de moda, e criou o blog para dividir com as amigas as novidades do universo de celebridades, beleza e moda. O nome sugestivo foi em resposta para os que acham que moda e beleza é assunto de garotas estúpidas. Outro blog que Paloma usa como referência é o Unha Bonita de Daniele Honorato. O blog, assim como o dela, é focado na moda em esmaltes, e traz dicas e truques desse universo.

eu já ganhei”, conta. Tendências online: Paloma está desenvolvendo o projeto de um aplicativo para quem tem coleção de esmaltes, mas não dá pra contar tudo ainda. Acompanhe o blog para ficar atenta à novidade. “Garanto que vai resolver a vida de muitas colecionadoras por aí!”, afirma Paloma. O blog também vai ter mais looks dela, combinados com esmaltes que estão em alta. Para o verão ela promete muitos posts legais, com os lançamentos que virão. Dica de blogueira: Tenho pra mim que moda e beleza andam juntas. O esmalte deixou de ser algo do final de semana, e se tornou acessório indispensável num bom look. Quem acha que pintar as unhas não é nada além do que usar renda ou vermelho Ivete, não sabe a gama de produtos que está deixando de conhecer e usar. A dica é se jogar e fazer a sua moda.

fotos divulgação

www.vidrinhoscintilantes.com 22 Cidadelle


BLOG MISORELLA NOSSO ESTILO Marcella e Isabella, irmãs que amam moda, resolveram se juntar e então nasceu o Sorella, que significa irmã em italiano, em homenagem às raízes italianas delas. O blog dessas duas vai além da moda, da dica de beleza, de viagens e exposições, traz o street style, perfil de convidadas, sem dispensar os looks do dia. “O blog tem por finalidade compartilhar a nossa visão do mundo da moda com o maior número de pessoas possível”, conta Isabella. Tendências online: As irmãs Brandalize darão dicas para quem resolveu fugir do inverno, (sapatos gladiadores, óculos com lentes redondas, acessórios neon e transparências). Para quem vai curtir o friozinho, poderá conferir a boyish – inspirada nos looks masculinos –, além de dar dicas de looks com pregas e de como usar as famosas ankle boots. Dica de blogueira: Moda consiste em você construir um estilo próprio, estar ciente das tendências, porém usar aquilo com o que você se identifica. Portanto, o mais importante para estar “na moda”, é estar confiante.

fotos divulgação

As irmãs buscam referência de fora. O que é moda no hemisfério norte, em breve chegará por aqui. Um dos seus preferidos é o The Sartorialist (www.thesartorialist.com), do fotógrafo Scott Schuman. Ele lançou o blog com a ideia de dialogar entre o mundo da moda e a relação com o dia a dia.

Marcella, 22 (à esquerda), é estudante de direito e Isabella, 17 (à direita), está fazendo cursinho em SP. Entre estudos, viagens e compras, elas mantêm o blog cheio de novidades do mundo da moda.

www.misorella.com.br

BLOG CHICS E HYPADAS fotos divulgação

AS DESCOLADAS Tudo que é feito com paixão e bom gosto acaba, naturalmente, ganhando seguidores. As blogueiras Giovana, 27, e Mariana, 21, criaram o Chics & Hypadas para dividir com as amigas o gosto pela moda. “Quando nos referimos a chic não estamos falando de uma mulher que possui um closet recheado. Ser chic vai muito além disso.”, afirma Giovana. Giovana Amaral (à esquerda) e Mariana Andrade (à direita) recebiam mutos elogios, então criaram um blog para compartlhar seus looks.

Tendências online: O verão ainda não chegou, mas as meninas estão ansiosas para compartilhar as cores e estampas que estão por vir. Elas prometem muitas tendências das coleções do verão de 2014. Dica de blogueira: Cuidar bem da pele e cabelos, e apostar no próprio estilo.

www.chicsehypadas.com Cidadelle 23


// moda

FEITA COM AUTORIA

Linhas se cruzam num trabalho artesanal nas bolsas da estilista Irรก Salles

24 Cidadelle

por lara guedes fotos bruno ricci


O

trabalho manual é apenas um dos detalhes que tornam as bolsas Irá Salles únicas. Com acabamento de primeira linha e a mistura de texturas, a estilista dá o toque de sofisticação que encanta tanto as mulheres. Grazi Massafera, Luana Piovani e Naomi Campbell são algumas das celebridades que já saíram por aí desfilando com uma bolsa Irá Salles. A estilista faz sucesso dentro e fora do Brasil, com 50 pontos nacionais e 30 no exterior, distribuídos entre os Estados Unidos, Canadá, Japão, França e Inglaterra.

Criatividade aguçada A inventividade e a moda sempre estiveram presentes na vida de Irá. Desde pequena usava suas habilidades manuais em desenhos e criações. A moda veio através da sua avó, que sempre aparecia com um visual elegante e pessoal. Mais cedo ou mais tarde seu lado criativo iria aflorar. Ela chegou a se formar em comunicação, pois ainda havia preconceito em relação a estudar moda. Depois a paixão falou mais alto e ela foi estudar na Parsons The New School for Design em New York, escola famosa pelos grandes nomes que passaram por lá como Calvin Klein, Marc Jacobs, Donna Karan, entre outros. “Ao contrário do que muitos pensavam na época, não fui a New York conhecer as tendências, mas aprender a criar”, afirma Irá Salles.

Cidadelle 25


// moda

Eu aprendi a ver o Brasil com uma nova visão, uma visão de quem é de fora. Notei o quanto nosso país era rico, e quanto podia explorar essa diversidade”

Na cidade que não dorme, ela teve a oportunidade de trabalhar

começou a sua produção aqui no Brasil, mas precisamente na

ao lado de Carolina Herrera, onde pôde adquirir uma visão mais

capital baiana, onde está localizado seu ateliê.

ampla sobre o que é o dia a dia em um grande ateliê. Lá, desen-

Apesar da sua formação ter sido com foco em roupas, Irá optou

volveu modelos para Uma Thurman, princesa Margaret, dentre

por acessórios, e suas bolsas viraram peça de luxo entre os aman-

outras celebridades. “Eu aprendi a ver o Brasil com uma nova vi-

tes da moda. Ela diz que a escolha surgiu de forma natural, num

são, uma visão de quem é de fora. Notei o quanto nosso país era

desejo de fazer uma bolsa para si mesma. No entanto, ela come-

rico, e quanto podia explorar essa diversidade”, diz.

çou a chamar a atenção das amigas, que queriam uma igual, e assim tudo começou. A personalidade inscrita nas bolsas de Irá

DE VOLTA PARA A BAHIA

são o segredo de tanto sucesso. Ela opta por misturas de textu-

Todos os caminhos levavam Irá Salles a voltar para o Brasil e

ras e cores sem sair do estilo da marca. “No processo de criação

se mudar para São Paulo. No entanto, por escolhas pessoais,

evito olhar outras coisas relacionadas à moda. Me distancio das

decidiu voltar para Salvador. Mesmo com o sucesso dos seus

tendências do momento para criar algo novo com meu estilo”,

produtos, inicialmente no exterior, Irá conta que desde o início

finaliza a estilista.

26 Cidadelle


Cidadelle 27


// LUXO SUSTENTÁVEL

lidade i b a s n o do. esp luxo e r inham lado a la m oje e l cam h a t e t en n i a b m a r eleg e s alto a o r t a l p a , s m i o Ass lçar a c o s i c e dia é pr conscientização da jo ell araú ães e m

alh ícia mag por patr

V

ivemos uma nova Era. Ser chic não está mais relacionado à ex-

cas francesas e italianas de alta-costura, que são ou não ecolo-

travagâncias ou desperdícios. Inclusive, essas palavras estão total-

gicamente corretas. A pesquisa teve como base três seções das

mente out. Se você quer aderir ao movimento sustentável, fazer

cadeias de fornecimento global das grifes: couro, papel e celu-

sua parte e colaborar com o bem-estar do Planeta, mas não sabe

lose, além de poluição tóxica da água. A Valentino está no topo,

como, listamos algumas atitudes que vão deixá-lo totalmente in.

afirmando uma prática de desmatamento zero com relação aos

Seja na moda, decoração, gastronomia, construção, indústria,

fornecedores de couro e embalagens, além da minimização do

enfim, em toda e qualquer parte o que está em voga é a onda

impacto ambiental na fabricação de tecidos. Em segundo lugar

verde e social. A revista Exame, por exemplo, publicou no mês de

está a Armani, seguida pela Dior (Veja relação completa das mar-

fevereiro deste ano um ranking do Greenpeace com as 15 mar-

cas na página ao lado).

28 Cidadelle


AS MAIS SUSTENTáVEIS Bom POBRE INSATISFATÓRIO FALHOU!

Leather = Couro Packaging = Acondicionamento Textile = Têxteis

*Pesquisa realizada pelo Greenpeace

foto divulgação

Cidadelle 29


// LUXO SUSTENTÁVEL Para quem pensa em reformar a casa e busca opções em produtos para a pintura do imóvel, a indústria de tintas vem investindo nas chamadas tintas ecológicas. Trata-se de produtos que têm em sua matéria-prima compostos naturais e não contêm componentes sintéticos ou insumos derivados de petróleo. Já na decoração, as fábricas de móveis também têm investido, cada vez mais, em produtos ecologicamente corretos. Assim, é possível ter um sofá maravilhoso todo feito com madeira de reflorestamento, espuma ecológica e tecidos naturais, ou ainda tecidos feitos a partir da reciclagem de garrafas PET, com alta qualidade e tecnologia. Diversas lojas de decoração vêm apostando nessas peças e são superfáceis de encontrar.

A central de resíduos do Cidadelle facilitará a prática da coleta seletiva

COLETA SELETIVA foto divulgação

Você acordou decidido a fazer da sustentabilidade não apenas um mero exercício retórico. Vai começar separando o seu lixo.

tico e também lixo eletrônico. Outro diferencial é a composteira,

Mas depois disso, o que você fará? Como descartará? Os mo-

projetada para transformar o lixo orgânico em adubo que será

radores do condomínio Cidadelle, nesse quesito, contarão com

usado no próprio condomínio. “Os moradores terão ao seu dispor

enormes facilidades. O empreendimento possuirá uma central

ferramentas que estimularão os cuidados com o meio ambiente,

de resíduos, responsável pela coleta seletiva e destinação ade-

como locais corretos para o descarte dos tipos de lixo e do óleo de

quada de óleo de cozinha, vidro, latas de alumínio, papel, plás-

cozinha”, explica Denis Guimarães, diretor comercial da Cidadelle, incorporadora responsável pelo empreendimento.

foto divulgação

E se ser ecologicamente correto está na moda, o condomínio Cidadelle é uma verdadeira it girl, seguindo e criando as melhores tendências. A sustentabilidade está sendo aplicada em todas as suas instâncias - ambientais, sociais, culturais. Ações ecologicamente corretas inspiram o jeito Cidadelle de viver

Ao lado, a poltrona Persona da Bell'Arte feita em tecido de garrafa pet 100% reciclada

30 Cidadelle


Fique na moda

8 dicas pra você

Sabemos que não dá para mudar da noite para o dia, mas o planeta clama por moradores mais conscientes. Que tal começar mudando aquilo que nós sabemos que podemos fazer, que está ao nosso alcance? Separamos oito dicas fáceis de serem seguidas.

1

Um banho de ducha (chuveiro a gás) de 15 minutos consome cerca de 243 litros de água. Caso a torneira esteja meio aberta. Se você adquirir o hábito de fechála e reduzir o tempo do banho em cinco minutos, o gasto cai para 81 litros

2

ficar na moda 3

Feche as cortinas quando o dia estiver muito quente ou frio e economize no ventilador ou aquecedor

Tire os eletrônicos da tomada quando não estiver usando. A dica vale também para o carregador do celular

8

Procure na sua cidade cooperativas que recolham a coleta seletiva e comece a praticar em casa

7 6

Dê preferência a produtos feitos com material produzido de maneira ecológica

Reaproveite a água que sai da máquina de lavar. Ela já vem ensaboada e é ótima para esfregar a cozinha ou os banheiros

5

Use as sacolas de pão e embalagens de outros alimentos para colocar nos cestos de lixo Compre pilhas recarregáveis: uma unidade recarregável vale por mil alcalinas

4

Cidadelle 31


PRESERVANDO O

lazer Cidadelle adota praça no centro de Ilhéus por mell araujo ilustração rafaela palma

Um bom lugar para o piquenique com a família, um passeio com as crianças ou para um bate-papo com os amigos, as praças ocupam um cantinho especial na lembrança e no coração de todos. Quem não gosta de sentar num banco e sentir a brisa no rosto ao fim da tarde, ou se divertir ao ver os filhos brincando? Buscando preservar o bem-estar e a interação social, além do contato com a natureza dentro do ambiente urbano, a Cidadelle Empreendimentos fechou uma parceria com a Prefeitura de Ilhéus e adotou a Praça São João Batista, localizada no bairro do Pontal. O projeto será elaborado numa parceria com as secretarias de Desenvolvimento Urbano e de Meio Ambiente e Urbanismo a partir de uma consulta feita com a comunidade.

32 Cidadelle


// social

casa Ilhéus e cor Itabuna

Parceria entre a Cidadelle e a AZ Produções leva renomado evento de arquitetura e decoração para a região. A chegada da Casa Cor foi anunciada por Denis Guimarães, diretor da Cidadelle em evento para convidados. Os presentes puderam conhecer um pouco mais sobre a Casa Cor, a partir da apresentação do diretor da AZ Produções, Alexandre Brandão. Todos assistiram também a uma palestra com o tema “Arquitetura: qualidade de vida e conforto ambiental”, realizada pela arquiteta Débora Santa Fé. O lançamento da Casa Cor na Bahia em

3

2014 acontecerá de forma simultânea em Ilhéus/Itabuna e Salvador, no Clube Cidadelle, que segue com as obras em ritmo acelerado.

1

4

5

6 1. Débora Santa Fé fala sobre a importância da arquitetura na qualidade de vida 2. Todos atentos à palestra da arquiteta 3. Érika Nabuco, Adriana Ribeiro, Denis Guimarães e Alana Maron 4. Simone Flores, Vanessah Nora, Patrícia Lavigne e Soraia Nabuco 5. Alexandre Brandão, Denis Guimarães, Ramiro Aquino e Jabes Ribeiro 6. Kaliane Rocha e Marlice Miranda

2 fotos clodoaldo ribeiro

Cidadelle 33


// decor

ilhéus • itabuna Quem quer conhecer as tendências e dicas de decoração e arquitetura deve conhecer a Casa Cor. O maior evento da área no Brasil está de malas arrumadas para aportar no sul da Bahia. A mostra acontecerá em 2014 e terá como sede o Clube Cidadelle. por patrícia magalhães fotos chico diniz

A

o contrário do que muitas pessoas pensam, decorar um ambiente não é uma tarefa tão simples. Não se trata, apenas, de arrumar os móveis neste ou naquele espaço, exige conhecimento para harmonizar as necessidades e a estética. “Decoração agrega beleza, função e proporção ao ambiente. O profissional que decora um espaço usa sua expertise para tornar o ambiente mais belo e aconchegante, dentro da sua proporcionalidade, enfim, correto”, ilustra Maria Luisa Brandão, arquiteta. Luisa é também fundadora da Casa Cor Bahia, maior evento do segmento do Brasil. Ela conta que além de inspirar e orientar os amantes da arquitetura e decoração, a Casa Cor divulga o trabalho dos arquitetos, designers de interiores e paisagistas, além de fomentar o crescimento do setor moveleiro, tanto industrial como comercialmente. O evento apresenta de tudo um pouco. Desde a “passarela”, passando pelo dia a dia até soluções que cada visitante está buscando. “Temos casos de ambientes que foram totalmente replicados

34 Cidadelle


A Casa Cor existe há 26 anos e está presente em mais de 20 cidades no Brasil e no exterior. A mostra já se tornou o point para quem quer conhecer as tendências e dicas de decoração e arquitetura, os principais arquitetos e lojistas. Em Salvador há 19 anos, o evento se prepara para aportar no Sul da Bahia. Acima, o moderno bistrô, projetado pelo arquiteto Luiz Humberto. Abaixo, a arquiteta Aline Cangussu, inspirou os visitantes que buscavam referências clean para um loft

Cidadelle 35


// decor

Os proprietários das franquias baiana – Salvador e Ilhéus – Alexandre, Luisa e Francisco Brandão (da esquerda para a direita)

em casa de clientes. Depois, quem não

Casa Cor Bahia

o diferencial da cultura local. Na Bahia, o

tem um cantinho em casa que está pre-

Na Bahia, a Casa Cor é um case de suces-

grande diferencial está nos espaços que

cisando de uma cara nova?”, questiona e

so. Um dos eventos mais longevos de Sal-

abriga a mostra. “Sempre procuramos

continua explicando que a Casa Cor não

vador, completa sua 19ª edição agora em

endereços inusitados, vez que, Salvador

só apresenta as tendências, como tam-

2013. “Nesse período, cumprimos a nossa

não dispõe de muitas residências com

bém as cria. “Contamos com profissionais

missão de trazer para o público a noção

área suficiente para fazer acontecer um

muito criativos e, muitas vezes eles em-

da importância da contratação de um

evento deste porte”, explica Luisa. Ela

prestam à Casa Cor local às tendências

profissional para orientá-lo na decoração

conta que já no terceiro evento, em 1997,

internacionais. Isto é criar tendência”,

da sua casa, o que, consequentemente,

a Casa Cor aconteceu no antigo Colégio

defende Luisa. Ao ser questionada se exis-

alavancou o mercado que conta, hoje,

Sophia Costa Pinto. “A partir daí sempre

te uma produção - decoração - que está

não só com excelentes profissionais como

houve a expectativa de “onde será a

sempre na moda e que passou pelas 18

com lojas onde se pode adquirir peças de

Casa Cor este ano?”. Já nos instalamos

edições da Casa Cor Bahia, ela responde

grandes designers, tanto nacionais quan-

na Marina, na Estação Ferroviária, num

em alto e bom tom. “Existe, sim: são as

to internacionais”, orgulha-se Luisa.

dos Armazéns da Codeba, no Mercado do

obras de arte! Elas estão presentes desde

Em cada localidade que acontece - são 23

Ouro, no Hotel da Bahia, na Associação

a primeira mostra e cada vez com mais in-

cidades no Brasil e exterior, incluindo as

Atlética, no antigo Salvador Praia Hotel,

tensidade e diversidade. Telas, esculturas,

principais capitais do Brasil, além de Pun-

além de residências de tradicionais famí-

gravuras e fotografias estão mais e mais

ta Del Leste, Chile e Bolívia - o evento se-

lias baianas. Este ano escolhemos o Sho-

presentes nas edições da Casa Cor Bahia”.

gue o manual de franquia, preservando

pping Iguatemi”, descreve.

36 Cidadelle


Decoração no Sul da Bahia

História da Casa Cor

É também sob o comando de Luisa, juntamente com seus sócios

A Casa Cor é uma mostra de arquitetura, decoração e paisagis-

Alexandre e Francisco, que a Casa Cor irá aportar no Sul da Bahia.

mo, criada, no Brasil, em 1987, na cidade de São Paulo. No en-

“A ideia de fazer a extensão da Casa Cor Bahia para o interior está

tanto, ela foi inspirada numa mostra que acontece em Buenos

gerando bastante expectativa, pois sabemos que o boom imo-

Aires, Argentina, chamada Casa FOA. A versão argentina era re-

biliário chegou às cidades mais importantes do Estado. É uma

alizada pela família do fundador da Fundação Oftalmológica da

excelente oportunidade para profissionais e mercado locais”, en-

Argentina e não tinha fins lucrativos - a renda era revertida para a

fatiza Luisa. O evento, que acontecerá em 2014, pela primeira vez

referida Fundação. Um dos sócios

terá como sede um condomínio de alto luxo, o Cidadelle. Para os

da Casa FOA decidiu trazer

novos e antigos visitantes, Luisa dá a seguinte dica: “O ideal é ir

a mostra para São Pau-

visitar a Casa Cor sabendo que vai ver coisas maravilhosas, inu-

lo e, em associação com

sitadas. Vá com tempo disponível para dar uma paradinha para

duas damas da socieda-

tomar um café, um lanche e no final até jantar. Hoje, o visitante

de paulista, criou a Casa

pode comprar o “passaporte”, que custa um pouco mais que um

Cor, porém com a caracte-

ingresso e voltar quantas vezes quiser. É uma excelente opção”.

rística de um evento comercial.

Abaixo, o loft, em homenagem ao estilista baiano Vitorino Campos, projetado pelas arquitetas Cláudia e Daniela Lopes, em 2012. Ao lado, a moderna mesa amarela, tendência também na mostra do mesmo ano

Inspire-se na Casa Cor para decorar sua futura casa no Cidadelle

Cidadelle 37


// espaço CIDADELLE

Stand cultural A Cidadelle inaugura um novo modelo de Apresentação do empreendimento, unindo entretenimento e sofisticação às obras por mell araujo e patrícia magalhães fotos vinicius bonfim

A

palavra estande vem do inglês stand e significa um recinto reservado a cada participante de uma exposição ou feira. Dentro dessa perspectiva, não há no dicionário uma palavra que defina o Espaço Cidadelle, pois muito mais do que divulgar o empreendimento, o local - além de ser a sede da Cidadelle Empreendimentos - se propõe a ser um point para o encontro dos futuros moradores e visitantes, tendo ainda uma vasta programação cultural. “Estamos inaugurando um novo modelo para a apresentação de empreendimentos, unindo entretenimento ao projeto. Assim, os futuros moradores e visitantes podem experimentar a essência do viver Cidadelle durante todo o processo de construção”, explica Denis Guimarães, diretor comercial da Cidadelle. Localizado às margens da Rodovia Jorge Amado, o espaço apresenta o conforto e a sofisticação delineados nos mínimos detalhes. Assim como em todo o Projeto Cidadelle, os

38 Cidadelle


Cidadelle 39


// espaço CIDADELLE cuidados com o meio ambiente também estão presentes. Este foi o conceito usado para dar vida ao Espaço. “Priorizamos o uso de tecidos naturais como algodão, linho e madeira de reflorestamento, para fixar o conceito sustentável. Esses materiais produziram um caráter leve à decoração, mantendo o clima praiano, mas sem deixar de lado o conforto e a sofisticação”, explica Priscila Diniz, decoradora responsável pelo Espaço Cidadelle.

Stand O ponto alto do Espaço é a maquete de 10 m², que rouba a atenção não só por seu tamanho, mas também por sua beleza e riqueza de detalhes sobre o bairro planejado Cidadelle, além de cinco modelos para os condôminos usarem como ideias para construir suas casas. As vendas do empreendimento são coordenadas pela CEU Imobiliária, que, juntamente com a Cidadelle, realizou algumas ações direcionadas aos corretores e clientes. Entre elas a premiação de corretores que se destacaram no processo de vendas e a apresentação do cronograma de obras para clientes, com direito a sobrevoo de helicóptero pelas obras.

Cultura Outro foco do Espaço é o de fomentar a cultura e permitir que os moradores da região de Ilhéus e Itabuna tenham mais uma opção de entretenimento. “Buscamos construir um espaço onde pudéssemos realizar eventos culturais, para dar opções de lazer e oferecer para a população de Ilhéus e Itabuna a possibilidade de acessar novos conhecimentos”, observa Priscila. Neste ano já foram realizados três grandes eventos. O primeiro foi uma exposição de arte – Viver com Arte – na qual foram apresentadas as obras dos consagrados artistas baianos Bel Borba, Goca Moreno, Guilherme Albagli, Osmundo Teixeira, Ricardo Franco, Sérgio Rabinovitz e Zebay. Já o segundo foi voltado para projetos de arquitetura, decoração e abordagem de alguns aspectos sobre qualidade de vida. O terceiro evento foi o I Festival Gourmet da Cidadelle, com a ilustre presença dos Chefs Edinho Engel (Amado) e Paulinho (Txai) numa noite de gala para 100 convidados vips. Mais dois eventos estão agendados para acontecer no Espaço ainda este ano. Não perca!

Para eventos culturais o Cidadelle terá um espaço exclusivo

40 Cidadelle


Galeria de

Arte Como um passeio por uma exposição, apresentamos alguns artistas renomados para ampliar seu conhecimento cultural

por patrícia magalhães fotos clodoaldo ribeiro

V

ocê está parado em frente a uma belíssima pintura. Muito mais do que observá-la, você é capaz de senti-la. Aquelas cores mexem com os seus sentimentos, te transportam para outra dimensão. É isso que uma obra de arte pode proporcionar. Uma experiência única, muitas vezes inexplicável. Alegria, tristeza, raiva, diversas emoções podem ser despertadas através de uma obra de arte, além de ser uma ferramenta de extrema importância na conscientização da sociedade. É através dela que muitas mensagens podem ser expressas e compreendidas. Enfim, sem a arte nosso entendimento de mundo e também de nós mesmos fica empobrecido. Assim, para enriquecer o seu conhecimento, selecionamos alguns grandes artistas brasileiros.

Cidadelle 41


Zebay

Um instrumento de Deus que tem como missão mexer com os sentimentos do próximo. É assim que Zebay se define. Autodidata, natural de Ibicuí, o artista faz uma viagem no tempo, aos idos da infância, resgatando as figuras populares de sua cidade natal, que mescladas à mitologia grega e ao sacro se transformam em belíssimas obras de arte.

Ricardo Franco

Pinturas, desenhos, fotografias e esculturas, independente da forma de expressão, o trabalho de Ricardo mostra, antes de tudo, a vibração da luz e da cor. As figuras se desfazem em manchas, que parecem clamar para ser pinturas. Figura e fundo se alternam, sombras sugerem imagens ou vazios desenhados na paisagem, assim são as obras desse renomado artista.

42 Cidadelle


Osmundo Teixeira

Você identifica uma obra de Osmundo Teixeira pela minuciosa riqueza de detalhes. Quando você bater os olhos (e se emocionar) em cerâmicas com a temática religiosa esculpidas perfeitamente e com tamanha delicadeza e elegância das formas, pode ter certeza que está de frente para uma peça de Osmundo Teixeira. É através de estudos da iconografia católica, africana e oriental que esse baiano, nascido em Itabuna, busca inspiração. A técnica usada por ele é de origem romana e é chamada de casa de abelha, a qual dispensa o uso de fôrmas.


Sérgio Rabinovitz

Tendo como mestres Calasans Neto e Mário Cravo Jr., Sérgio Rabinovitz se tornou um dos grandes tradutores da Bahia. A arquitetura colonial, a religiosidade das festas de largo, o êxtase do carnaval, a violência das rinhas de galo e o colorido da Feira de São Joaquim, são algumas das suas principais fontes de inspiração.

Bel Borba

Helio de Sousa

Conhecido internacionalmente, as obras

Se você vir uma tela com a temática de

de arte de Bel Borba enfeitam as ruas de

sapatos, você pode estar de frente a uma

Salvador. Escultor, pintor e muralista, ele

obra de Helio de Sousa. Esse renomado

tem suas tatuagens em forma de mosai-

artista – que acaba de ganhar conceitu-

cos gravadas pelos muros, túneis e en-

ado prêmio, o Press Award – ainda na

costas da cidade, dialogando de maneira

juventude foi para New York em busca de

rápida e fácil com o público. Falam da na-

realização profissional e de uma imagem

tureza, da beleza e do dia a dia. Além dos

de uma bota de Andy Warhol, teve um

mosaicos, o artista se expressa de muitas

insight, que disse: “Sapato tem alma, ele

outras formas, como pinturas, esculturas,

revela a personalidade das pessoas!” e

desenhos e gravuras.

passou a pintá-los.

44 Cidadelle


Guilherme Albagli

Um artista pós-moderno. Assim, podemos definir Guilherme Albagli. Suas pinturas são de técnicas e tematicamente ecléticas. No entanto, acrescentar alguma diversidade ao mundo e dignificar o ser humano é o que busca o artista, em imagens onde o homem é, quase sempre, o foco central representado. O Kitsch, o Grafitti, o Surrealismo, o Pop, as Iconografias Cristã e Ameríndia, a curva, entre outras temáticas influenciam o seu trabalho.

Goca Moreno

Uma diversidade de materiais como ferro, madeira, pedra, inox, dentre outros, se transformam em objetos vivos, invenções plásticas ousadas, pelas mãos de Goca Moreno. É da Bahia, mais precisamente de elementos de concepção religiosa de origem africana, que o artista projeta uma gama fascinante de significados e figuras poéticas. Suas produções são marcadas pelo relevo, pela tridimensionalidade, pelo desenho e pela pintura, onde se pode perceber uma fluidez de sonhos e ideias livres de injunções.


// exposição

Arte no Espaço Cidadelle

3

De 29 de abril a 15 de maio, o Espaço Cidadelle apresentou a exposição “Viver com Arte”. O evento reuniu trabalhos dos consagrados artistas Bel Borba, Goca Moreno, Guilherme Albagli, Osmundo Teixeira, Ricardo Franco, Sérgio Rabinovitz e Zebay. Confira os melhores momentos!

4

5

1 6

7 2 1. Espaço Cidadelle 2. Zebay, Goca Moreno, Bel Borba, Osmundo Teixeira, Sérgio Rabinovitz, Denis Guimarães e Ricardo Franco 3. Lolo Mendonça, Agilton Macedo, Lila Macedo, Adriana Ribeiro, Marcos Mendonça e Jorge Maron Neto 4. Álvaro Sidney Brito, Ramiro Aquino, José Humberto Ramos Martins e Rafle Salume 5. Jamilly Nunes e Martina Teixeira 6. Adervan Oliveira, Adriano Martins, Eraldo Farias e Maria Antonieta 7. Faura Rocha, Paula Maschietto, Cláudia Gregori, Lolo Mendonça, Lila Macedo e Sônia Brant 8. Martina Teixeira, Priscila Pinho e Jamilly Nunes 9. Lolo Mendonça, Denis Guimarães, Mônica Burgos e Alana Maron

8

Além do Clube Cidadelle, o empreendimento contará com um Parque de Esculturas

46 Cidadelle

9 fotos clodoaldo ribeiro


LIBERDADE PARA

SENTIR-SE INTEIRAMENTE

BELA

COM TODO CONFORTO,

ESTILO E ELEGÂNCIA QUE VOCÊ PRECISA REVENDEDOR

Cidadelle 47

Estrada do Coco, km 5,8, Shopping Open Center, Loja 07 Lauro de Freitas-BA | (71) 3026 2240


// desejo Móveis

top decor selecionamos cinco itens exclusivos para deixar sua casa com mais conforto e glamour

bar versátil O Bar Treviso, da Tok Glass, foi desenvolvido dentro de conceitos minimalistas, com linhas puras e uso de cavas no lugar dos puxadores. Sua altura permite que seja usado em diferentes espaços.

As peças de decoração podem ser encontradas em www.bocadolobo.com

CADEIRA design A cadeira Anato é uma das novidades da Elisê Móveis. A beleza, o design e o conforto são as características da coleção desenvolvida pelo designer Ibanez Razzera.

Poltrona tecnológica A Italsofa, do Grupo Natuzzi, lança a poltrona modelo B546 em capitonné e com mecanismo de relaxamento opcional. Além da peça, a marca apresenta uma ampla variedade de sofás e poltronas.

48 Cidadelle

CADEiRA ROCK As pernas discretamente encurvadas para trás dão à cadeira Rock, da Lider Interiores, suaves linhas aerodinâmicas que a torna leve e confortável. A peça estruturada em madeira dispõe de revestimento em várias estampas, como o tecido exclusivo desenhado pela designer Daniela Karam.

fotos divulgação

ALMOFADAS divertidas Com diferentes formatos e estampas, as almofadas de algodão da Til Oriente conferem ao ambiente um toque especial.


a mais completa linha de equipamentos para sua empresa Na Alaska, você encontra os equipamentos que precisa para ampliar ou montar seu negócio. Aparelhagem para açougue, bar, lanchonete, cozinha industrial, restaurante, padaria, sorveteria e supermercado com os melhores preços e condições.

(73) 3214 8373 / 3214 8375 | www.alaskadigital.com.br Rod. Itabuna Ilhéus, Km 02 - Parque Verde CEP: 45604-795 | Itabuna-Bahia

Cidadelle 49


// opinião A revista Cidadelle conversou com arquitetos que atuam no empreendimento e proprietários para saber como eles se sentem sendo Cidadelle

TRABALHAR NO CIDADELLE FOI... “Uma experiência diferenciada. O Cidadelle é um empreendimento que marca o mercado imobiliário de Itabuna por ser o primeiro empreendimento de grande porte na cidade. O tipo de imóvel que só existe nas capitais”

pOR QUE ESCOLHEU O CIDADELLE... “Pela segurança, estética arquitetônica, disponibilidade de conforto e lazer agregados. Espero que o Cidadelle cumpra o prometido, especialmente no quesito segurança” Jairo Xavier cardiologista

Ademar Sá

“Um grande prazer participar desse projeto em conjunto com profissionais tão competentes. Um empreendimento inovador, que prima pela qualidade de vida agregando a natureza do espaço” Tamar labarrere

“A possibilidade de morar em um bairro planejado com área verde e social suficientes para meu filho crescer com mais liberdade, mesmo que vigiada. Acredito que o empreendimento irá traduzir algumas necessidades da minha família, aumentando, assim, a nossa qualidade de vida” Débora Santa Fé Arquiteta

“Uma oportunidade de mostrar meu trabalho, ao lado de profissionais da minha área. O porte do empreendimento trará para região cacaueira um desenvolvimento de aspecto tão grande que provavelmente abrirá novos caminhos”

“O projeto arrojado com uma grande infraestrutura e local apropriado. Acredito que será a melhor morada da região” Raimundo Junior empresário

Mariana Chalhoub

“Muito prazeroso ter participado desse projeto que tanto preza pela qualidade de vida de seus moradores. Cidadelle trouxe à região um empreendimento com uma infraestrutura diferenciada, que contribuirá para o progresso da região”

“Escolhi o Cidadelle porque acredito nesse Grupo de forte credibilidade na Bahia. A vizinhança de alto padrão também foi um fator decisivo na minha escolha. Agora a expectativa é para que tudo isso seja concretizado e que sejamos muito felizes morando no Cidadelle House”

Alessandra Holtz

Álvaro Sidynei Médico

50 Cidadelle


Cidadelle 51


// espaço gourmet

especialidade da casa

A beleza da região de Ilhéus e Itabuna é inspiração para o espaço gourmet do Cidadelle por lara guedes

52 Cidadelle


C

fotos divulgação

ada lugar tem seu próprio cheiro e o seu

e revestimentos mais rústicos, e por meio

ta do ambiente é ser totalmente funcio-

sabor. Não é à toa que pratos típicos se

da arquitetura pude introduzir traços pre-

nal através da integração dos cômodos

tornam marca registrada de uma cultura.

dominantes da nossa natureza, um dos

para que os usuários se relacionem com

A gastronomia faz parte da identidade de

principais diferenciais do ambiente”, des-

todos os espaços em volta, inclusive com

um lugar e de um povo. Pensando nisso,

taca o arquiteto Matheus Esquivel.

o interior do espaço gourmet. “O projeto

o projeto do Espaço Gourmet do Cidadel-

O ambiente será o local perfeito para

foi elaborado pensando em atender prin-

le trouxe em detalhes a riqueza dos recur-

proporcionar momentos inesquecíveis e

cipalmente ao estilo de vida que o Cida-

sos naturais da região. “Utilizei materiais

pratos maravilhosos para os futuros mo-

delle propõe, que se baseia no conforto e

orgânicos como madeira, granito, pedras

radores do Cidadelle. Para isso, a propos-

requinte”, afirma Esquivel.

Cidadelle 53


// espaço gourmet Especificações e plantas do projeto do espaço gourmet que integrará o clube do condomínio Cidadelle

MATHEUS ESQUIVEL formou-se em arquitetura na FAU-UNIFENAS, em Minas Gerais, e ao retornar para a Bahia teve oportunidade de trabalhar com grandes arquitetos regionais como: Rui Cores, Clara Kauark e Jean Gaston Humbert. Trabalha com construção civil, reformas e design de interiores. Após a construção do Jequitibá Plaza Shopping e devido à grande demanda de serviços na cidade, inaugurou em meados de 2002 o próprio escritório.

Materiais utilizados • Paredes revestidas com pedras de tons mais claros e pisos em tons escuros amadeirados • Devido ao maior contato com áreas molhadas e o sol foram escolhidas mesas e bancos de madeira, que são mais duráveis e resistentes • As taubilhas que cobrem a churrasqueira e a parte externa em vidro tornam o ambiente mais charmoso e diferenciado • O eucalipto foi escolhido para fazer parte de algumas estruturas, pois se harmoniza aos outros

O projeto foi elaborado pensando em atender principalmente ao estilo de vida que o Cidadelle PROPÕe”

materiais escolhidos Perspectiva utilizada como referência para o espaço gourmet. Ambiente integrado à natureza, ideal para áreas abertas

Os moradores do Cidadelle terão dois espaços gourmet disponíveis, um deles será ao ar livre fotos divulgação

54 Cidadelle


Cidadelle 55


// enologia

Harmoniser Se delicie com as combinações entre os mais diferentes pratos e os mais saborosos vinhos por mell araújo

C

onsiderada uma das bebidas mais antigas do mundo, o vinho é muito mais que um mero acompanhamento. Proporciona para seu degustador uma explosão de sensações e, quando degustado conjuntamente com pratos, igualmente requintados, ajuda a realçar e a incorporar o sabor do mesmo. O sommelier da Carballo Faro, Eduardo Paredes foi convidado para melhor elucidar dúvidas sobre a degustação de vinhos e seus melhores acompanhamentos.

56 Cidadelle


fotos divulgação

AVES Se a necessidade é de um par para aves grelhadas ou preparadas em molhos leves, o ideal é o TABALÍ RESERVA CHARDONNAY – um vinho branco seco – mas essa composição pode ser feita ainda com um tinto jovem ou médio corpo, como o POSTALES MALBEC SYRAH. O tinto de médio corpo a robusto NEWEN MALBEC é um excelente acompanhante para aves grelhadas em molho forte. À exceção do peru, pois a composição mais adequada é o W FEVRE CHARDONNAY GRAN CUVEE, um branco seco de boa estrutura. Já as caças de penas, como pato, por exemplo, o ideal é o NEWEN SYRAH, um tinto maduro de médio corpo a robusto.

carnes O Apaltagua Gran Verano Merlot – tinto jovem – é um excelente acompanhante para carnes grelhadas ou preparadas com molhos leves. O espumante brut CAVA FREIXENET CORDON NEGRO também faz uma ótima composição com esses pratos. No caso das carnes preparadas em molhos fortes o ideal é o Tierra del Fuego Cabernet Sauvignon. Aos apreciadores da carne de caça, as de pelo, incorporam perfeitamente com o TABALÍ RESERVA ESPECIAL SYRAH, um tinto maduro de médio corpo a robusto.

Cidadelle 57


// enologia

MASSAS As massas feitas com molho leve, como molho branco, formam uma excelente composição com o Espumante Brut CASA VALDUGA ARTE DEMI-SEC, mas também pode ser acompanhada por um branco jovem, Apaltagua Reserva Chardonnay ou ainda, um tinto jovem leve, Apaltagua Gran Verano Merlot. Já as massas com molhos condimentados combinam melhor com o POSTALES MALBEC SYRAH, um tinto maduro – de médio corpo a robusto, no entanto, podem também ser acompanhadas por espumante brut de boa estrutura, como o ZONIN PROSECCO BRUT ROSÉ.

FONDUE DE CHOCOLATE Há um grande tabu sobre o Fondue poder ou não ser acompanhado por vinhos. A verdade é que pode sim, mas apenas por quatro tipos específicos: o Porto - se destacando o Tawny, por ser mais ácido e magro e não prejudicar o sabor da fruta, tampouco brigar com sua acidez; o francês Banyuls ou os italianos Madeira e Vin Santo Toscano.

58 Cidadelle


fotos divulgação

queijos A combinação de queijos e vinhos é a que faz mais sucesso. E para a harmonização dos mais variados queijos há um vinho. Frescos de massa mole – Frescal, Ricota e Requeijão – e os de massa filada – Muzzarela – o acompanhante ideal é o PRINCIPI DI BUT MERLOT, um tinto jovem e leve. Maturados de massa mole – Brie, Camembert e Coulommiers – e os maturados de massa filada – Provolone – devem ser acompanhados pelo TABALÍ TALINAY CHARDONNAY, um branco maduro. Os maturados de massa cozida – Emmental, Gouda, Reino, Prato, Saint-Paulin, Tilsit, Port-Salut – são melhor degustados com o APALTAGUA GRIAL CARMENÈRE, um tinto maduro de bom corpo. Maturados de massa semidura – Roquefort, Gorgonzola, Stilton, Danablu, Parmesão e Pecorino devem ser acompanhados pelo DEL FIN DEL MUNDO SPECIAL BLEND, um tinto maduro robusto.

palavra do sommellier Eduardo Enrique Tapia Paredes estudou no Chile e na França para tornar-se sommelier profissional. A paixão por vinho veio de família, e ao longo da sua carreira ele se tornou expert em café, chá, águas, cervejas, charutos, destilados, azeite de oliva e chocolate. Já trabalhou no 5 estrelas Kempinski Hotel Bristol e numa das maiores comercializadoras de vinhos do mundo, localizada no Chile. Atualmente, está à frente da Carballo Faro. “Quero criar o primeiro guia de comidas baianas e vinhos, para que possamos comer a maravilhosa comida daqui com vinhos de todo o mundo”, finaliza Paredes.

Quem escolher viver no Cidadelle terá um bosque a sua disposição para degustar vinhos

Cidadelle 59


// lugar

França Bahia

Do sul da para o sul da a Provence de Ilhéus: Para os amantes do bom vinho, da boa música e do bom papo por jamilly nunes fotos vinícius bonfim

a

Provence, com pronúncia “Provance”, é uma região vinícola do sul da França, que se destaca, assim como todo o país, pelo prestígio de seus vinhos produzidos com arte e dedicação. Há onze anos o empresário Hermano Freitas, que se considera apenas um apreciador de um bom vinho, tomou emprestado o nome do local e inaugurou, na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, o Provence Vinho, uma adega e também Bar à Vin. O local tem características peculiares que mexe com a imaginação de quem frequenta, especialmente no happy hour

Hermano Freitas trouxe o conceito da Provence francesa para sua adega

das sextas-feiras, quando um grupo quase que habitué se reúne. Entre um gole e outro, os frequentadores assíduos entoam versos que vão parar nas paredes do Provence. Transcritos por Hermano, os textos já fazem parte da decoração, assim como um telefone bem antigo que, por incrível que pareça, ainda funciona.

60 Cidadelle

Queria que Ilhéus inteira soubesse desse lance a noite de sexta-feira é especial lá na Provence

com a turma ou sozinho o ambiente é cativante aconchegante como um ninho tem um vinho deslumbrante” Ramayana Vargens, professor de literatura


Arthur Slaibi, à direita, autor da prosa-poétca da adega. À esquerda, o Barão de Popoff

Para o estudante de direito Arthur Slaibi (21), que frequenta o

fância. “Eu cresci assistindo papai beber vinho. Ele adorava um

local na companhia do pai, o médico mastologista José Slaibi,

bom vinho e quando eu tinha apenas 12 anos ele já me servia,

desde os 14 anos de idade – nessa época apenas saboreava o

misturando-o com água”.

papo fino e elegante e a boa música – o espaço pequeno, de

As muitas idas a outros continentes também colaboram para o

apenas 20 m², proporciona ainda mais a interação do grupo. “É

gosto aguçado por um vinho de qualidade. O Provence traba-

impossível não conversar com o ‘amigo do vinho’ ao lado”, diz

lha com algumas das melhores importadoras de vinhos do país,

entre risadas. E acrescenta: “Nos locais aqui em Ilhéus onde as

a exemplo da Mistral, Vinci, Jefs Vinus, Ana Import, Marcellino.

pessoas da minha idade frequentam não é possível ouvir jazz,

“Além da escolha de vinícolas bem conceituadas, a relação pre-

bossa nova. Isso me encanta”.

ço/qualidade é fundamental, como diria o poetinha Vinícius...”,

A prosa-poética de Arthur, como ele mesmo identifica os seus

ressalta Hermano.

versos, também está estampada na parede do Provence. “Mi-

Com ajuda da esposa, Jamille Cabral, Hermano cuida do Proven-

nhas sextas são dessas mais simples... Aprendendo a andar na

ce com dedicação, inclusive tem planos de ampliar o ambiente e

corda bamba desse mundo, degusto risadas temperadas ao vi-

assim receber mais amantes do vinho e da música, e de compa-

nho. A cada taça me dou uma resposta. O segredo da vida ainda

nhias da mais alta qualidade.

não sei, mas com mais duas eu chego lá”. Numa dessas sextas-feiras, um dos frequentadores mais experientes, Raimundo Kruchewsky, o popular Barão de Popoff,

Hermano conta com a ajuda da esposa Jamille Cabral para dar o melhor atendimento aos clientes do Provence

comemorou os seus 88 anos de idade e simpatia, no Provence. O seu discernimento intelectual também estava ali presente e entre histórias e estórias ele foi roubando a cena. Sobre o Provence Vinhos ele disse: “é um oásis de civilização em Ilhéus, talvez na região”, arrancando aplausos calorosos dos que lotavam o ambiente. O proprietário do Provence conta que o seu interesse pelo vinho vem de sua in-

Se você mora no Sul da Bahia ou está de passagem por essa região não deixe de conhecer o Provence Vinhos, situado na Rua Visconde de Mauá, número 67, Centro de Ilhéus-Ba.

Cidadelle 61


// top chef edinho engel

62 Cidadelle fotos divulgação


7 mares

descobridor dos Q

do, restaurante localizado em Salvador, com uma belíssima vista

Mineiro de Uberlândia, o chef de cozinha Edinho Engel conta como se encantou pelos ingredientes baianos e fala sobre os novos rumos da gastronomia brasileira

para a Baía de Todos os Santos, pode-se dizer que Edinho tornou-se

por lara guedes

uando você olha para o mar, o que ele te transmite? Paz, força, emoção? Cantado e proclamado pelos poetas, ele também é a inspiração do chef Edinho Engel. Como uma arte, ele transforma esse encantamento em belos e saborosos pratos. Dono do Ama-

chef de uma forma muito natural e nem sempre teve o mar aos seus pés. Fruto de uma família mineira tradicional, que apreciava e cozinhava comidas típicas da região, Edinho teve contato com a gastronomia desde pequeno. “Tenho a forte lembrança de ir à festinhas na minha infância e comer um doce típico da região, a ameixinha de queijo – simples e genuinamente regional”, conta.

Além da vista privilegiada, o restaurante Amado tem um cardápio diferenciado, onde o clássico e o inovador se unem para criar pratos únicos e sofisticados

Polenta, pães de queijo, requeijão caseiro, angu, feijão tropeiro... Hummm! Foi com esses sabores que Edinho Engel cresceu e, inconscientemente, tudo isso ficou em sua memória. Ainda muito jovem, em 1971, foi para São Paulo estudar. Antes de se descobrir chef, ele estudou outras coisas e fez de tudo - de joalheiro a fotógrafo. O mais próximo da culinária, até então, eram os quitutes mineiros que fazia e vendia de porta em porta. Ainda em São Paulo, teve o prazer de ser seduzido pelos diversos restaurantes que conheceu. A cozinha e a correria dos garçons foram alguns dos detalhes que o fizeram se encantar com o ambiente. Não demorou muito, abriu o seu primeiro restaurante: o Fazenda Mineira. Jovem, ele ainda queria descobrir o mundo, por isso, antes de seguir definitivamente sua carreira de chef e dono de restaurante, Edinho deixou o seu primeiro “filho” e passou anos viajando pela Europa e América do Sul, onde teve contato com diversos sabores. “Depois de muita aventura pelo mundo, eu tinha que dar um rumo a minha vida. Foi então, em 1988, que eu conheci Wanda, minha esposa, e também o pequeno paraíso chamado

Cidadelle 63


Torre de Aratu: leva esse nome devido a sua aparência. Uma torre de refogado de aratu com creme de coentro de textura leve como a de chantilly. Grelhados do fundo do mar: um maravilhoso prato criado no restaurante Manacá e pode ser encontrado no Amado. Apresenta camarões, lulas, vieiras e polvo com um delicioso molho provençal.

fotos divulgação

64 Cidadelle


Agora, o ingrediente brasileiro é a estrela da vez” Camburi, onde inaugurei o restaurante Manacá, foi então que

brasileiro tinha vergonha das comidas regionais, como o tradicional

minha jornada começou verdadeiramente”, diz Edinho. Com essa

arroz com feijão. Atualmente, vivemos uma maré inversa, que de-

nova cria, ele aprendeu muito, fez cursos, pesquisou e foi ao pou-

seja reafirmar nossos ingredientes, como a mandioquinha, maxixe,

cos descobrindo o que era necessário para ser o melhor. “Uma

quiabo, farinha de milho e de mandioca. No entanto, ainda temos

vez servi um camarão grelhado no Manacá e fui chamado à aten-

um longo caminho a percorrer”, fala.

ção. Foi quando descobri a importância dos caldos e molhos. Em

Ele acredita que a facilidade de acesso à informação, o grande nú-

restaurantes não podemos cozinhar simplesmente como se esti-

mero de escolas de gastronomia no país e a valorização da figura

véssemos em casa”, completa.

do chef, junto a essa nova fase da gastronomia brasileira, têm feito com que jovens queiram seguir essa carreira. “Na minha época,

Tradição regional

buscar informação era mais caro, pois os livros técnicos eram em

Edinho Engel sempre valorizou os ingredientes regionais, sejam de

outras línguas”, recorda e completa: “alguns começam a estudar

Minas – sua terra natal – ou sejam de Camburi, situado a 175 km

achando que vão ter glamour, mas na cozinha o trabalho é árduo,

de SP, onde está localizado o seu restaurante Manacá, que pos-

não é fácil cuidar de um restaurante. Não é à toa que quase 90%

sui há 25 anos. “Eu trago muito da minha herança mineira, mas

não seguem com a profissão”, diz Edinho. “De qualquer forma,

sempre me adapto à região, por isso quando vim para Bahia e abri

acredito que numa próxima geração teremos grandes chefs, fruto

o Amado, pesquisei itens daqui. Uso ingredientes tradicionais da

desse período que estamos vivendo atualmente”, finaliza.

Bahia, como o licuri, dendê, coco e a farinha de mandioca. Todos eles preparados de uma forma diferente do que os baianos estão acostumados no dia a dia. É possível descobrir novas possibilidades e sabores em ingredientes regionais e ao mesmo tempo torná-los sofisticados”, diz. “Cada região do país tem suas comidas típicas. O Brasil é tão rico e com ingredientes tão diversificados, que é possível fazer uma cozinha maravilhosa”, afirma Edinho Engel. Ele sempre fez questão de valorizar a cultura através da gastronomia, e conta que essa valorização dos ingredientes nacionais faz parte de um movimento que está efervescendo agora no cenário nacional. “Agora, o ingrediente brasileiro é a estrela da vez”, ressalta. Ele explica que alguns chefs brasileiros têm ganhado destaque e não é apenas o famoso Alex Atala que está entre os 10 melhores do mundo, mas outros estão pesquisando e experimentando. Ele cita Roberta Sudbrack, que apresenta uma cozinha moderna e cheia de brasilidade e Beto Pimentel, que valoriza as frutas típicas em seus pratos. Segundo ele, o Brasil vive um momento de valorização da gastronomia nacional, onde começa, a pequenos passos, ganhar importância mundial. “Isso demorou a acontecer, pois o próprio

O chef Edinho Engel participou do I Festival Gourmet realizado pela Cidadelle

O chef Edinho Engel conduz um dos restaurantes mais famosos de Salvador com muita habilidade e simpatia

Cidadelle 65


// gente

I Festival Gourmet

Cidadelle

1

Tim! Tim! O I Festival Gourmet da Cidadelle foi simplesmente delicioso. Diversas personalidades de Ilhéus e Itabuna puderam desfrutar de um menu pra lá de especial preparado por um verdadeiro time de estrelas: o consagrado Chef Edinho Engel – do restaurante Amado, em Salvador –, o não menos experiente Paulinho Martins - executivo de cozinha do grupo Txai Resorts -, o jovem e talentoso Personal Chef itabunense Rafael Sepúlveda e o renomado Sommelier espanhol Eduardo Tapia, da Importadora Carballo Faro. Confira quem circulou por lá!

2

5

3

6

9

4

7

10

8

11

fotos clodoaldo ribeiro

1. Os convidados puderam degustar o maravilhoso menu dos renomados chefs 2. Edinho Engel 3. Paulinho Martins 4. Rafael Sepúlveda 5. César Fávero e Mônica Burgos 6. Elaine e Paulo Carletto 7. Luiz Roberto Ribeiro e Claudia Mello 8. Paula Maschietto e Isidoro Gesteira 9. Paulo e Katiana Ganem 10. Marcos Flávio e Carine Rehem 11. O Sommelier Eduardo Tapia e Josefa Santana 12. Vanessa e Claudio Barros

66 Cidadelle

12


Cidadelle 67


// MADE IN ITALY

UM

ITALIANO

EM Ilhéus O empresário Vincenzo Morelli conta sobre sua paixão pela terra do cacau e pela vida por vincenzo morelli

C

onheci Ilhéus por acaso, há 18 anos, com a minha amada Zaira. Fomos passear em Morro de São Paulo e ficamos 3 dias debaixo de chuva, me cansei, peguei o carro e vim visitar Ilhéus, onde a Zaira tem uma prima. Fiquei encantado com essa cidade, tinha um cheiro de antiga colônia, estava atrasada e fiquei positivamente impressionado, era uma cidade sem sinal de trânsito. Que maravilha para uma pessoa que vinha da Europa! Amei logo essa cidade. Quando alguém me pergunta o que vim fazer aqui, eu respondo que eu escolhi Ilhéus porque um dia, mais tarde possível, gostaria de morrer aqui. Eu tenho com essa cidade uma ótima relação, até fui nomeado cidadão de honra. Ilhéus tem ótima qualidade de vida e é linda como uma bonita mulata baiana.

68 Cidadelle

Empresário

uma pequena turma e a gente ficava ho-

Eu me tornei empresário porque a minha

ras tomando banho no rio perto da minha

família é uma família de empresários e fa-

casa e roubando frutos que a gente depois

zendeiros (indústria de curtume, indústria

distribuía para todos os meninos do bairro.

química e grande produtor de frutas). Eu

O meu principal mestre foi meu avô Vin-

nasci em uma família rica, mas minhas

cenzo, homem poderoso e muito respei-

paixões foram sempre com amigos po-

tado, ele era parecido com um antigo

bres. Eu me lembro que eu tinha formado

coronel do cacau. Outro mestre foi o meu


pai, homem lutador e vencedor. O último Vincenzo adora cozinhar e costuma fazer comidas típicas italianas

mestre foi o Dr. Conrado Brande, amigo de infância do meu pai, naturalizado brasileiro, proprietário da viação Cometa de São Paulo e do Hotel Glória do Rio de Janeiro. Quando eu ia visitá-lo, a gente ficava conversando até as 4 horas da manhã, bebendo cachaça, ele me marcou muito pelo seu amor ao Brasil, pela sua cultura e pelo seu equilíbrio espiritual.

Itália Sagitariano, com influência de Aquário, eu nasci na Itália, no dia 16 de dezembro de 1934, na região da Calábria – Sul da Itália – na cidade de Cosenza. A Calábria era uma grande e antiga colônia grega, é a terra onde Pitágora inventou a tabela Pitagórica e formou a escola mais antiga de Matemática. Local onde estavam localizadas cidades como Síbari e Crotone, com 300 mil habitantes na época em

Vincenzo e Zaira no batizado do neto Arthur

que Roma não chegava a 50 mil. Fui educado de menino e jovem em uma escola de padre Benedetine e Barnabiti. Gostava de servir na missa, de ser coroinha, fazia todos os dias a comunhão, mas sempre fui ótimo pecador. Formei em março de 1960 em Scienze Politiche fotos arquivo pessoal

e Sociali, na Universidade Internacional de Perugia, e na Universidade Católica de Milano, também fiz doutorado e estudei por três anos teologia.

Família É um fundamento da nossa vida.

Amor Inexplicável, fantástico e gostoso.

Trabalho Indispensável, nem é tanto

Desafio Sem ele a vida é horizontal,

para ganhar dinheiro, mas para viver. Na

sem gosto, sem paixão.

minha vida fundei vinte e oito empresas.

Futuro Garra, perseverança, desafios e otimismo.

Cidadelle 69


// desejo ELES

FASHION MAN Apesar de serem conhecidos como complementos de um look, os acessórios podem ser a peça chave para levar elegância e estilo ao visual

EMPORIO ARMANI BY MIZUNO A mistura entre a sofisticação da Emporio Armani com o perfil esportista da Mizuno resultou neste belíssimo modelo de sapatênis.

carteira ferrari Revestida com perfis vermelhos, a carteira da Ferrari leva o símbolo da marca em metal e esmalte em couro. Além de compartimento para oito cartões de crédito.

carteira armani A Armani inova com a carteira de alumínio. O item de luxo possui tecnologia que protege de radiação eletromagnética, da digitalização ilegal de dados pessoais, danos mecânicos e respingos de água.

70 Cidadelle

SAPATO SALVATORE FERRAGAMO O modelo Tramezza tem fabricação artesanal, o que garante, além do conforto, muita elegância.

fotos divulgação

cinto gucci O cinto Gucci complementa o look masculino com muita elegância, sem deixar o visual carregado ou muito sério.


Cidadelle 71


// SPORT STOCK CAR

a V mรกxim

E D A D I C ELO

72 Cidadelle


ado n i c o r t pa o n a i a a b r o a t p o e l i r p ep s, s ve o l a m s ç a o c n e o a s G t e n k d c o ,c ida e c l o Patri l l e a d ve u a r s d i a e C t d l a a ida pel as r r r a o t c a en r um e enf d a s r a a m p re t ex s situaçõe ci uno ric fotos br guedes ra la r po

C

para o um lado e d s o d a cordo carreg ias, gente neus sen g p té , a ta tr is s p e tindo as arros na confusão ipes discu u q e , p fa! Nessa u to . s .. it s p fo , o ra g outr dos, fotó centrado dos os la lves con a to ç n ra o a G p k ic rendo e que oto Patr elhor, tiv m stá o pil e o -l , ê a c d e la nh contro icais e . Para co ortes rad a corrida p s m e u , a is n a li para m cons. Adrena papo des das pista te a ra b fo m o u -l n encontrá descobri Salvador. o que eu i fo a ti casa, em a a p u s im s m a e it mu a manhã do café d n a m to to , o do pilo traído satisfaçã

a tes Ao lado, inutos an çalves m n o G k ida ic rr tr co a P da

Cidadelle 73


// SPORT STOCK CAR raturas, numa corrida posso perder cerca de 1 kg e meio, só de líquidos”, explica Patrick.

POR TrÁS DOS VOLANTES

QUANDO SENTO NO CARRO, É COMO SE ESTiVESSE O VESTINDO... NA PISTA, SOMOS UM SÓ”

Ele conta que, devido a essas situações extremas de calor e máxima concentração, o piloto deve estar sempre com bom preparo físico e ter alimentação balanceada. “Nós não precisamos ser triatletas, mas como pilotos, temos que ter alguns cuidados, principalmente nos períodos mais próximos à corrida. Sempre me alimento muito bem e bebo bastante água”, descreve. Ele também conta que, além do preparo físico, quanto mais leve o carro, melhor o desempenho na pista. Assim, os carros passam por uma pesagem antes da corrida, pois existe um peso limite que não deve ser ultrapassado e o piloto é parte integrante com macacão e capacete. Patrick assume que não gosta de academia e prefere outros esportes para manter o equilíbrio do corpo. O piloto pratica surf, squash, tênis, wakeboard e kitesurf – esporte no qual chegou a competir quando passou tempos fora da pista e chegou a ficar em 5º lugar no brasileiro. “Deixo o equipamento que

QUE RONQUEM OS MOTORES

posso dentro do carro e, a depender do tempo, escolho um

Ao ouvir os motores de um carro de corrida de rua a poucos

esporte. Se tem onda, vou surfar; se tem vento, faço kitesurf e

metros de você, o corpo, mesmo que involuntariamente, reage

se estiver com muita chuva, pratico squash. A ideia é não ficar

a cada acelerada. Dá para sentir o motor vibrar como se fizesse

parado”, conta. Ele explica que, além de ser um tipo de lazer,

parte da gente. Imagine para o piloto?! “Quando sento no carro,

todos esses esportes ajudam a melhorar o reflexo e a concen-

é como se estivesse o vestindo. Sinto o motor, o volante, até que

tração, dois itens importantes dentro da pista.

estou totalmente concentrado e conectado ao carro. Na pista somos um só”, conta Patrick Gonçalves, único baiano a participar da Stock Car, que conta com o patrocínio da Cidadelle. Dentro do carro de corrida de rua, o conforto é zero e a segurança é máxima. O carro não foi feito para passear e sim para correr, então, possui itens como: suspensão independente nas quatro rodas, estrutura de tubo de aço que envolve o piloto, motor com 8 cilindros em V com 480 HP de potência, carroceria construída em fibra de vidro reforçada, dentre outros. O mais incrível é que o veículo é totalmente vedado, tendo apenas três entradas de ar – duas nas janelas e a terceira na parte de cima. Esse item mais o motor quente, o asfalto quente e o uso do macacão proporcionam temperaturas extremamente desagradáveis, que chegam até 60 graus. “Mesmo com chuva, o carro chega a altas tempe-

74 Cidadelle


O wakeboard é um dos esportes que auxiliam o piloto a manter–se em forma. Ao lado, a concentração de Patrick para a prova

Cidadelle 75


// SPORT STOCK CAR

CONCENTRAçÃO

A ADRENALINA SEMPRE EXISTE E ACABA SENDO UM FATOR IMPORTANTE PARA A CONCENTRAçÃO” 76 Cidadelle

Dentro da pista, Patrick sempre está totalmente concentrado. Não há espaço para pensar em outras coisas que não a corrida. São cerca de 50 minutos que ele tem para colocar em prática a experiência de anos com as altas velocidades. “A adrenalina sempre existe e acaba sendo um fator importante para a concentração”, diz. Ele ainda confessa que o medo existe e é importante para se ter cautela. “Senão qualquer piloto arriscaria tudo para ganhar. No entanto, sei que é um esporte muito seguro. Acho mais seguro dirigir no autódromo do que na rua”, expõe e completa: “se você pode alcançar altas velocidades com segurança num local apropriado, não tem porque correr na rua. Quando dirijo não tenho pressa e prefiro carros amplos e confortáveis, pois no de corrida o


A Cidadelle patrocina o piloto baiano. Ao lado, dentro do cockpit, seu olhar atento às instruções do chefe da equipe

que não queria mais isso e foi praticar

o ano todo, o mais importante é ter um

outros esportes sempre radicais, como

aeroporto por perto –, prefere morar em

paraquedismo e kitesurf. No entanto, seu

Salvador. “Alguns pilotos moram fora do

destino nas pistas já estava traçado. Em

Brasil e isso não atrapalha em nada. Eu

2005, a Stock Car veio para Salvador pela

rodo o Brasil todo para competir, mas

primeira vez, e então, Patrick se entregou

quando quero descansar, quero estar na

a um novo sonho, correr na Stock Car.

minha terra”, finaliza.

Para alcançar seu sonho, ele teve que colecionar bons resultados. Foi campeão da Mini Challenge Cup Argentina, campeão brasileiro Mini Challenge Cup e foi

Além de ser um bom piloto, para

premiado com o Capacete de Ouro duas

obter sucesso nas corridas é im-

vezes. Em 2012, ele ganhou apoio e, fi-

portante ser um bom acertador do

nalmente, entrou para a Stock Car. Não

carro. Ele deve estar atento a todos

foi de um dia para o outro, ele teve que

os detalhes que o carro apresentar

conforto é zero”. Para minimizar a tensão,

investir e mostrar que tinha talento em

de diferente para passar para sua

sua única superstição é a fitinha do Bon-

outras competições.

equipe e assim, os engenheiros

fim que não dispensa, sempre leva uma

A proximidade com o público permiti-

e mecânicos poderem fazer as

no bolso do macacão.

da em uma corrida de rua, emociona e

mudanças necessárias para ob-

motiva o piloto. “Podemos sentir toda a

ter maior rendimento nas pistas.

BAIANO ASSUMIDO

energia das pessoas. É fantástico! E cor-

Patrick começou no mundo da velocidade

rer na minha terra é mais um diferencial,

Para que um carro de corrida de

com apenas 10 anos, correndo em kart.

pois é sempre mais caloroso. Para mim é

rua esteja apto a participar de

Ainda garoto, ele sonhava com a Fórmula

a corrida mais importante pelos milhares

qualquer campeonato, gasta-se

1, por isso praticou kart de 1986 até 1994,

de torcedores que a tornam ainda mais

em média de R$ 2 milhões a R$

chegando ao Campeonato Brasileiro de

especial”, declara. Ele conta que, apesar

4 milhões, lembrando que para a

Fórmula Chevrolet, quarta categoria até

de ter a opção de morar em qualquer lu-

categoria são 12 corridas por ano.

a Fórmula 1. Ainda muito jovem, decidiu

gar do mundo – para o piloto que viaja

O Cidadelle está engajado em parcerias que apoiam o esporte na Bahia

Cidadelle 77


// giro pelo mundo

barcelona por davi carneiro

São muitos os motivos para se amar Barcelona. Uma capital moderna, aberta às tendências, ao mundo, ao turismo, à inovação, ao mar... Mas são seus os segredos mais bem guardados que me transformaram em um eterno “enamorado” desta cidade. Vamos a três lugares dos “meus lugares” especiais:

Champagnría Can Paixano

Palau de la Musica Catalana

Segundo a Julia Zuza, uma amiga de Minas, está cientificamente

Uma visita imperdível em Barcelona. Um exuberante edifício

comprovado: tomar champanhe (de chapéu) na capital catalã às

modernista que representa como poucos o espírito e o orgulho

seis da tarde da segunda-feira aumenta sua expectativa de vida

catalão. Este é o Palau de la Musica Catalana, anfiteatro principal

em 3,2 anos.

da cidade e fruto dos delírios criativos do genial Lluís Domènech

Como não ousaria contrariar a sapiência científica dela, sou obri-

i Montaner (engana-se quem pensa que Barcelona se resume

gado a indicar a Champagnría Can Paixano – o local mais legal

apenas a Gaudí). Foi nomeado Patrimônio da Humanidade da

para tomar ”cavas” (champanhe típico espanhol) em Barcelo-

Unesco desde 1987 .

na. Recomendo as tapas de chorizo e os bocadillos de jamón e

Mesmo com a sala vazia, é possível escutar a melodia dos gran-

pimentão. Invariavelmente você vai comer e beber bem e fazer

des músicos que já passaram por aqui como: Pau Casals, Richard

novos amigos aqui.

Strauss, Maurice Ravel, Montserrat Caballé, Ella Fitzgerald, Duke

Então, quem sabe da próxima vez que vier a Barcelona você não

Ellington, o mestre Gilberto Gil e outros. Meu destaque especial é

segue a dica da mineirinha e aumenta sua expectativa de vida

para a lindíssima claraboia em formato de sol e para as estátuas

em 3,2 anos. E aí, tá servido?

que rodeiam o palco.

Carrer de la Reina Cristina, 7

C/ Palau de la Música, 4-6

78 Cidadelle


Davi Carneiro, 28 anos, é jornalista especializado em viagens pela Universidade Autônoma de Barcelona. Atualmente vive entre a Romênia, Barcelona e o Brasil. Para conhecer o seu trabalho: www.davicarneiro.com

fotos divulgação

Livraria Altaïr Definitivamente um dos meus lugares favoritos de Barcelona. A Altaïr – localizada na Gran Via de les Corts Catalanes, 616 – é a maior livraria especializada em viagens da Europa, com mais de 40 mil títulos divididos por continentes, países e cidades. Guias, mapas, literatura de viagem, culinária, revistas, cadernos de viagens, é possivel achar quase tudo relacionado ao tema por aqui. A verdade é que a Altaïr é mais do que uma livraria. Tem tudo para um planejamento completo da sua viagem e tornou-se um lugar de encontro, de troca de ideias, planejamento de viagens, intercâmbio de roteiros e conexão entre viajantes. Ela nasceu em Barcelona em 1979 e desde 1997 foi inaugurado outro paraíso como esse em Madrid. Um lugar imperdível para todos, que como eu, são apaixonados por viajar. A pro­pó­sito, a Altaïr tam­bém tem uma con­cei­tu­ada revista de via­gens homô­nima. Gran Via Corts Catalanes, 616 (entre c/ Balmes y Rambla de Catalunya) Metro: Passeig de Gràcia (L2 y L3), Plaça Universitat (L1 y L2) y Plaça Catalunya (L1 y L3) 08007 www.altair.es/web/

Cidadelle 79


// desejo ELES

POUR L’HOMME

ROLEX O Daytona é considerado a assinatura do sucesso da Rolex. Por não ser produzido em larga escala, ele é uma verdadeira peça de colecionador

Sofisticação e beleza ditam a produção das grandes marcas de acessórios masculinos e o resultado disso são peças dignas de exposição.

ÓCULOS FERRARI Aos adeptos do visual esportivo, o Scudetto Ferrari é a escolha perfeita. Com um design cônico, estes óculos se ajustam perfeitamente ao rosto

ETHOS h.STERN Com o coração suíço, o Ethos da H.Stern é movido por um rotor – acionado pelo movimento do pulso. Em seu interior os 21 rubis ficam expostos ao fundo da caixa feita de cristal de safira transparente. O visor tem os cantos abaulados o que dá a característica retrô ao modelo

AVIADOR ACETATO Para quem não gosta muito das armações em metal, o modelo Ray-Ban aviador em acetato é perfeito

80 Cidadelle

fotos divulgação

RELÓ Com GIO ARM traz, mecani ANI sm a tend lém do o Qua r ênci b a no elíssim tz, o esp reló g o o q e pu ios mas ue diz r design rtivo Ar , um culin man espe lseir a a o i de e i stilo de borr s. Com to às co nova a re a e so fistic cha lara caixa to s para ação nja, d são a preta gara ntia


Cidadelle 81


// viagem aspen

Aspen

um dos lugares mais famosos e sofisticados quando se trata de deslizar sobre a neve por lara guedes

82 Cidadelle


Esquiar pode ser ainda mais prazeroso com a paisagem privilegiada das montanhas de Aspen

V

foto divulgação

ento no rosto, sensação de liberdade, adrenalina... Muitos espor-

de restaurantes, hotéis, bares, escolas para esquiar, dentre outros.

tes são capazes de despertar tais sensações. No entanto, as belas

Tiago Fernandez, 39, diretor da imobiliária Ponto 4 costuma passar

paisagens de Aspen são únicas: uma pista que atravessa um bos-

as férias por lá todo ano – já foi 5 vezes e não enjoa. Aos oito anos,

que de pinheiros contemplando montanhas majestosas ao fundo.

ele começou a surfar, aos 14, andar de skate, e aos 29 descobriu ou-

O complexo de esqui é composto por quatro montanhas: Aspen

tro prazer: o esqui. Também pratica kitesurf, longboard, snowboard

Mountain, Snowmass, Aspen Highlands e Buttermilk, que oferecem

e surf. Numa conversa descontraída, ele conta quais os prazeres de

infraestrutura completa para todos os níveis de praticantes, além

deslizar nas neves de Aspen. As dicas são imperdíveis!

Cidadelle 83


// viagem aspen

montanhas >> MONTANHAS

foto divulgação

e que querem mais adrenalina. A Buttermilk é a menor, no en-

famosa pela maior descida do país – pois considera a melhor op-

tanto, atende desde principiantes a esquiadores mais radicais,

ção para ir com a família, e sua esposa também gosta de esquiar.

pois possui o melhor parque e excelentes halfs. Nessa montanha

“É, sem dúvida, minha preferida, não apenas no quesito esquiar,

é onde ocorreram algumas edições dos X Games de inverno –

mas por não ser tão badalada como a Aspen Mountain”, conta.

campeonato conhecido como as olimpíadas dos esportes radi-

Não importa a idade, lá a lei é esquiar. Existem escolinhas de

cais. Para quem quer festa é um ótimo período, pois durante o

esqui que ensinam crianças a partir de dois anos e meio, e outras

evento as montanhas não param de festas. No entanto, deve-se

que cuidam de crianças a partir de oito meses.

estar preparado para aguentar as mais baixas temperaturas,

Aspen Mountain é a mais famosa, por isso a mais movimenta-

cerca de -30 graus. “Fui nessa época, e no topo da montanha

da de todas, lá é possível encontrar mais opções de lazer e mais

meu pé acabou congelando. Para quem não quer enfrentar

agito à noite. A Highlands é para aqueles que já têm experiência

muito frio, melhor ir em fevereiro mesmo”, diz Tiago.

foto arquivo pessoal

Cada montanha tem seu charme. Tiago prefere a Snowmass -

ESTADIA

estadia >>

Independente do lugar onde o visitante esteja hospedado, Tiago conta que é muito fácil e rápido se locomover entre uma montanha e outra, pois o complexo de esqui disponibiliza ônibus gratuitos 24 horas. Ele conta que os hotéis dentro das estações são as melhores opções. “Você pode sair na janela do quarto e dar de cara com a pista de esqui. Ficando por perto, você guarda a energia da locomoção para esquiar o dia todo”, explica. Há também apart hotéis e chalés

Tiago e Sarah costumam viajar em grupo, na companhia de amigos e familiares

ou casas, mais adequado para grandes grupos que irão passar muito tempo nas montanhas – cerca de 15 dias. Uma das alternativas é o Hotel Viceroy Snowmass. Lugar perfeito para visitantes mais exigentes, pois possui padrão de alto luxo e itens especiais como um SPA e um terraço com piscina funcionando durante todo o ano.

foto divulgação

84 Cidadelle


gastronomia >> GASTRONOMIA

A montanha tem um mundo gastronômico a oferecer para todos os gostos. Uma infinidade de opções... comida japonesa, chinesa, italiana e contemporânea, dos mais chiques aos mais aconchegantes restaurantes. Tiago Fernandez cita algumas opções como o Jimmy´s, tipicamente americano com ótimas opções de steak’s, o Cache Cache com uma maravilhosa comida internacional, o sofisticado italiano Gisella e o seu favorito Casa Tua, que serve comida contemporânea. Para quem quer petiscar, beber bons drinks e conversar, ele indica os After Skis - bares para encontros mais descontraídos. “Vá no 39 Degrees do Hotel Aspen Ski, que fica no pé da montanha Snowmass, excelente opção”, aconselha. foto divulgação

Tiago é apaixonado por snowboard e diz que Aspen é um dos melhores lugares para a prática do esporte

Tiago e a esposa Sarah sempre vão esquiar juntos, os dois praticam snowborad e já foram a Aspen cinco vezes

fotos arquivo pessoal

DICAS

essenciais Não deixar de sair de óculos escuros, pois a neve, por ser muito bran-

creva numa escola, se possível numa private lesson – aulas particula-

ca reflete a luz do sol e pode queimar as retinas.

res – onde terá mais atenção do professor.

Hidratar bastante lábios e mãos e usar protetor solar.

Aproveite as montanhas, se aparecer algo interessante, compre! Fa-

Beber muita água, pois o clima é seco e ajuda a evitar problemas

zer compras não é o foco do turismo em Aspen.

com as altas altitudes.

As roupas para esquiar devem ser compradas lá. Não esqueça da

Nos primeiros dias evitar bebida alcoólica, pois devido às grades

2º pele específica de esqui, é essencial para não passar apertos no

atitudes, o efeito da bebida é maior. Além de que a ressaca no dia

frio. O ideal são dois pares, um para esquiar e outro para sair a noite.

seguinte pode atrapalhar na hora de esquiar.

Atenção: se não estiver com roupa adequada o suor pode congelar.

Não tente aprender a esquiar sozinho ou com algum amigo. Se ins-

Não deixar de ligar os umidificadores nos quartos.

Cidadelle 85


TOP MOTOS // perfil

O modelo Fat Boy foi lançado exclusivamente para a comemoração dos 110 anos da Harley-Davidson

86 Cidadelle


fotos divulgação

ligue seu motor e pegue a estrada em busca de aventura com os modelos top da harley-davidson e da bmw por mell araújo fotos divulgação

FICHA TÉCNICA eneração, amor, paixão e uma boa dose de adrenalina. As motocicletas chegaram ao mundo automotivo um tanto tímidas. O primeiro protótipo movido a vapor era mal cheiroso e barulhento demais. Alguns experimentos foram feitos ao longo dos anos e então, usando

Torque: 12,1 kgf.m a 3.000 rpm Comprimento: 2,385 m Capacidade do tanque: 18,9 l Transmissão: 6 velocidades Six-Speed Cruise Drive Valor: a partir de R$ 50.500,00

a tecnologia básica dos motores DeDion-Bouton - que revolucionou a história das motocicletas -

FAT BOY

a Harley-Davidson Motors Company chegou ao

Do alto dos seus 67 cm de altura, a Fat Boy foi inteira repa-

mercado, em 1903, com modelos que atingiam

ginada para a comemoração dos 110 anos da Harley. Além

56 km/h. De lá para cá, muito se evoluiu em tec-

da pintura exclusiva em dois tons – Vintage Black e Vintage

nologia e as motos se transformaram em verda-

Bronze – e do medalhão dos 110 anos da marca, no chassi de

deiros objetos de desejo. Aproveite e confira mo-

313 kg, o modelo traz um motor Twin Cam 96Btm, refrigerado

delos luxosos das marcas BMW e Harley-Davidson.

a ar e 1.585 cilindradas.

Cidadelle 87


// TOP MOTOS

BMW K1300S Essa é para quem gosta de velocidade e adrenalina. A K1300S, da BMW, é uma esportiva de parar o trânsito. Com seu motor de quatro cilindros que gera potência 175 hp a 8.250 rpm, a máquina é econômica. Tem uma autonomia de 385 km a uma velocidade média de 120 km/h. O modelo pode ser encontrado em duas cores, laranja metálico e prata.

fotos divulgação

FICHA TÉCNICA Torque: 140Nm a 8.250 rpm Comprimento: 2.182 m Peso: 228 kg Capacidade do tanque: 19 l Transmissão: Cardan 6 velocidades 88 Cidadelle

Valor: a partir de R$ 64.990,00


Cidadelle 89


// de olho Com previsão de entrega para 2015, as obras do Cidadelle iniciaram a todo vapor por lara guedes

construindo o

futuro O empreendimento da Cidadelle trará para a região de Ilhéus e Itabuna um novo estilo de vida, onde a modernidade e a natureza vivem em harmonia. Para que esse sonho torne-se real, uma equipe de profissionais capacitados está trabalhando desde 2012. Um dos principais cuidados da empresa, é desenvolver todas as etapas preservando a fauna e flora naturais do local, para que futuramente ela possa fazer parte do estilo Cidadelle de viver. Confira as etapas para a construção do sonho Cidadelle:

LANÇAMENTO:

A qualidade de

vida agora tem nome: Cidadelle. O evento de lançamento para início das obras contou com a presença de parceiros, clientes e celebridades, entre eles, Luciano Szafir, capa da primeira edição da revista do empreendimento, que aparece na foto com os diretores da empresa.

Topografia:

Para que serve

isso? Trata-se do estudo do terreno e de todas as suas elevações. Instrumento fundamental para o início de qualquer tipo de obra.

Terraplanagem:

Para ade-

quar o terreno ao conceito arquitetônico planejado, foram necessários, na primei-

Planejamento: E agora, por

ra etapa, uma patrulha composta por 12

onde começar? Toda a equipe de enge-

equipamentos, que irá continuar dando

nheiros se reuniu para definir o cronogra-

suporte em outras etapas da construção

ma de obras, a localização das máquinas

do empreendimento.

e onde ficarão os canteiros de obra.

90 Cidadelle


Viveiro e orquidário: A ideia é preservar o maior número de árvores possíveis. Assim, as plantas que foram retiradas serão replantadas e farão parte do paisagismo do Cidadelle. Até ficar tudo pronto, as espécies serão preservadas num viveiro. Haverá também um orquidário, já que foram encontradas muitas espécies na região. Além disso,

Canteiros de obras: Sem

a equipe tem contato com ONG’s que

dúvida, o coração de qualquer constru-

fornecerão brotos e sementes da região

ção! Para o início das obras foram feitos

para adequar ao paisagismo do empre-

dois canteiros de obras, um central e ou-

endimento. Dessa forma, não há riscos

tro para o clube que fará parte da primei-

de trazer espécies invasoras ou que não

ra etapa junto com o Condomínio House.

irão se adaptar ao clima do lugar.

Resgate: Filhotes em seus ninhos são vítimas fáceis em grandes obras, por isso, todos os encontrados foram relocados com segurança para não prejudicar o seu desenvolvimento. A Cidadelle se preocupou em ter, além do biólogo, o consultor ambiental Cláu-

fotos divulgação

dio Lopo para que a fauna e a flora sejam preservadas por quem conhece do assunto.

Cadastramento: Foram listadas todas as espécies presentes no local. O biólogo Gabriel Goes está acompanhando todo o planejamento e as obras do em-

Resíduos: Todos os resíduos são separados, os recicláveis são doados para cooperati-

preendimento para que a fauna e a flora da

vas através de uma destinação controlada e monitorada. Além disso, na área do canteiro cen-

região sejam devidamente preservadas.

tral há captação de água da chuva para serem usadas em lavagem dos pátios e descargas.

Acompanhe semanalmente as obras no Portal Cidadelle » www.cidadelle.com.br

Cidadelle 91


// economia

A O Porto Sul / Bamin terá administração público-privada

que cresce

A Bahia está desenvolvendo-se e a direção aponta para o Sul. Novos investimentos, como o Porto Sul/Bamin, a Ferrovia Oeste-Leste e o Gasoduto movimentam a economia da região

92 Cidadelle

por mell araujo


A

região cacaueira do Estado da Bahia

A iniciativa da construção do Porto Sul

Além da área construída em alto mar,

sofreu muito com a decadência da era

será atrelada à ferrovia Oeste-Leste que

o porto ainda contará em terra com a

de ouro do cacau. A praga denominada

irá transportar os produtos de importa-

Zona de Apoio Logístico (ZAL), onde será

como vassoura-de-bruxa, que se alastrou

ção e exportação e assim garantirá que

feita armazenagem e movimentação de

pelas plantações de cacau, na Bahia, em

o trânsito da região não fique tão sobre-

carga, operações de alfândega e fiscali-

1989, foi responsável pela queda da pro-

carregado de caminhões.

zação sanitária dentro de um perímetro

dução e, em alguns casos, pela venda de

planejado e contornado por uma faixa

fazendas renomadas no Estado. O que

Porto Sul/ Bamin

de 1.800 hectares destinados à preser-

causou uma grande queda na economia

Localizado no extremo leste da ferrovia,

vação ambiental.

da região, mas o momento atual é de re-

entre o distrito de Aritaguá e os povoa-

novação e reviravoltas para a economia

dos Sambaituba e Ponta da Tulha, o Por-

Gasoduto

da Região Sul, com a chegada do com-

to Sul é um porto misto e será dividido

Outra oportunidade de evolução econô-

plexo de gasoduto que será instalado

entre a administração pública e uma ad-

mica para a região é a já programada

pela Bahiagás, bem como as obras de

ministração privada – Bamin. O projeto

instalação do Gasoduto Itabuna/Ilhéus.

melhoria na viabilização dos transportes

do Porto Sul foi idealizado para ser fixado

A obra irá disponibilizar gás natural em

de cargas, realizadas pelo Governo do Es-

em mar aberto, com um cais avançado,

Ilhéus e na região do Porto Sul. As obras

tado e Ministério dos Transportes.

para dar mais flexibilidade para aproxi-

estão em período licitatório e têm previ-

Nesse momento, o Governo do Estado

mação das embarcações, o que garante

são de início no segundo semestre des-

investe em meios de escoamento não

menor ocupação da orla. Para o Ministro

te ano, com entrega programada para

só da produção agrícola, mas também

dos Transportes, César Borges, o projeto

o final de 2015. “A chegada do Porto

dos minérios extraídos na região. “Este é

é de suma importância para a economia

Sul e do gasoduto, aliados às ferrovias

um excelente momento para quem pre-

do Sul do Estado, já que o porto deve

trarão uma dinâmica excepcional para

tende investir na Região Sul do Estado. O

atrair investimentos de novas empresas

a atração de novos investimentos e

Porto Sul vem para garantir crescimento

para região, o que garante a movimenta-

geração de emprego e renda, criando

e maior desenvolvimento da região que

ção econômica. “Com o investimento de

condições para economia totalmente

já foi a responsável por grande parte

empresas, haverá ofertas de empregos e

renovada para a região Sul do Estado”,

da economia de todo o Estado”, aponta

o desenvolvimento econômico que a po-

explica Davidson Magalhães, Presidente

Otto Alencar, Vice-Governador do Estado.

pulação tanto necessita”, afirma.

da Bahiagás.

O cais avançado garantirá uma menor ocupação da orla

A Zona de Apoio Logístico fica responsável pelas operações de fiscalização

fotos divulgação

Cidadelle 93


// economia

Amadas

&

ITABUNA ILHÉUS Sul da Bahia se reconfigura economicamente com a chegada de novos investimentos por patrícia magalhães e mell araújo

94 Cidadelle


&

fotos xicu sales

c

enários das histórias do escritor Jorge Amado e descritas por

Agora, novamente, os holofotes voltam-se para as cidades. Não

ele em algumas de suas obras, como Gabriela, Cravo e Canela

mais pelas mãos de Jorge Amado ou pelo fruto de ouro. Diversos

e Terras do Sem Fim, como sendo regiões ensolaradas e de boa

projetos vêm sendo implementados na região e prometem ele-

gente, as cidades de Ilhéus e Itabuna mudaram muito desde a

var economicamente Ilhéus e Itabuna. A construção do Porto Sul

época do escritor.

é um deles e pode ser apontada como o marco de uma nova fase

No período áureo do cacau, Itabuna e Ilhéus eram os dois maio-

de desenvolvimento econômico e social, não apenas de Ilhéus,

res polos de produção e cresceram muito economicamente com

mas de toda a região do Sul da Bahia. “Além da questão do au-

a exportação da fruta para os Estados Unidos e Europa. Após a

mento da renda por meio dos impostos gerados, o complexo

praga da vassoura-de-bruxa, que assolou toda a região produto-

deve atrair para a região um número interessante de novos em-

ra da fruta, as cidades buscaram novas alternativas econômicas

preendimentos, a exemplo de indústrias e empresas das áreas de

e passaram a investir, principalmente, no comércio e indústria.

serviços e de comércio”, afirma o prefeito de Ilhéus Jabes Ribeiro.

Localizadas às margens das BRs 101 e 415, Itabuna e Ilhéus são

O prefeito da vizinha Itabuna, Claudevane Leite, está preparando

importantes entrepostos comerciais do Estado.

a cidade, que está no caminho, para ser mais do que um ponto

Cidadelle 95


// economia o complexo deve atrair para a região um número interessante de novos empreendimentos, a exemplo de indústrias e empresas das áreas de serviços e de comércio” jabes ribeiro prefeito de ilhéus foto divulgação

de passagem. “O objetivo é estruturá-la

andamento nas duas cidades. Itabuna,

ciar vários setores e atividades econômi-

para que nossas empresas, nossa estru-

por exemplo, possui no total R$ 143 mi-

cas, como os taxistas, o ramo imobiliário,

tura comercial e de serviços atenda a esse

lhões cadastrados no Programa de Acele-

pelo diferencial que poderá ser oferecido

fluxo e se beneficie economicamente.

ração do Crescimento – PAC –, principal-

nos novos empreendimentos. Hoje, a

Também imaginamos que Itabuna pode

mente, para saneamento básico. Com o

implantação do gasoduto já propicia

abrigar empresas de logística e empresas

apoio do Governo do Estado, Ilhéus tem

ganhos para a cidade, considerando que

fornecedoras para as empresas que apor-

investido em várias obras. A principal de-

gera emprego, arrecadação e a empresa

tarão em Ilhéus”, detalha.

las é a construção da nova ponte entre o

ainda contribui institucionalmente com

centro de Ilhéus e a zona Sul, uma obra

grupos culturais, apoiando eventos e co-

Desenvolvimento à vista

com investimento de R$ 165 milhões e

memorações da cidade, em parceria com

Não só o Porto Sul revigora os ares do Sul

que será iniciada ainda neste semestre.

a nossa Secretaria da Indústria, Comércio

da Bahia. Diversos projetos já estão em

Outro projeto importante, com início pre-

e Turismo”, explica. Em Ilhéus, o gasodu-

visto também para este ano, é a implanta-

to, além de fornecer gás para o funciona-

ção do novo Hospital Regional. No âmbito

mento de indústrias, beneficiando direta-

Federal está previsto o novo aeroporto

mente o parque industrial, também irá

internacional, além de propostas do PAC,

suprir de combustível a frota de veículos

como é o caso do saneamento básico.

do município, reduzindo os custos espe-

Claudevane ainda cita o gasoduto como

cialmente para os segmentos que usam

outro motivador do crescimento econô-

os carros profissionalmente, a exemplo

mico da região. “O gasoduto irá benefi-

dos taxistas e empresas de transportes.

O gasoduto irá beneficiar vários setores e atividades econômicas, como os taxistas, o ramo imobiliário, pelo diferencial que poderá ser oferecido nos novos empreendimentos.” claudevane leite prefeito de itabuna foto divulgação

96 Cidadelle


Os prefeitos de Itabuna, Claudevane Leite, e o de Ilhéus, Jabes Riberio detalham alguns projetos que têm para as cidades nos próximos três anos: ILHÉUS

Programa Viva o Morro promoverá melhorias nas áreas de urbanização, acessibilidade e saneamento nas áreas altas da zona urbana de Ilhéus. Projeto de reurbanização da Avenida Dois de Julho, a implantação de sistemas de abastecimento de água em vários distritos do município – obra a ser feita pela Embasa – a requalificação e serviços de urbanização de todo o Centro Histórico da cidade, a implantação de pelo menos duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA). A prefeitura também está elaborando a reforma e requalificação das Centrais de Abastecimento do Malhado e da Urbis e a implantação do Centro de Cultura e Esporte (CEU) no bairro Hernani Sá. De acordo com Jabes, independentemente da construção do novo porto, a prefeitura já está desenvolvendo projetos que visam consolidar o setor turístico como importante fonte de renda. Entre eles, a criação de um novo roteiro turístico, a Estrada do Chocolate, integrado pelas antigas fazendas que guardam símbolos da época de ouro da lavoura cacaueira e a produção de chocolate. “É evidente que os efeitos benéficos da construção do porto deverão contribuir para que possamos desenvolver tais projetos com mais facilidade, até porque entre os novos investimentos previstos está a construção de um aeroporto internacional”, enfatiza.

foto xicu sales

ITABUNA

Projetos sociais com atenção à juventude, aos idosos, à mulher e aos moradores de rua. Destaque para o Cidade de Paz, programa que visa a redução da violência, oferecendo oportunidades para que a juventude se mantenha afastada das drogas, com educação, esporte, arte, cultura e geração de empregos. Na área da infraestrutura, é prioridade fazer o ordenamento do trânsito, melhorar as vias, implantar ciclovias e dotar a cidade de obras que garantam mobilidade urbana de qualidade. A área da saúde contará com unidades médicas dos bairros funcionando, com médicos, enfermeiros e medicamentos. Haverá marcação de consultas e exames funcionando com eficiência. A meta para educação é entrar em 2014 com escolas melhoradas, merenda de qualidade e valorização dos professores e demais servidores do setor. Como Itabuna não possui tradição turística, há um projeto de criar um sítio turístico no bairro de Ferradas - onde nasceu o escritor Jorge Amado - que deve incluir um calendário de eventos relacionados à obra dele, além de divulgar e incentivar a tradição de comidas e bebidas típicas, um dos pontos fortes do local.

foto xicu sales

Cidadelle 97


// TOP hill

98 Cidadelle


TOP

o

DO TOP

Top Hill: Num dos melhores bairros de Salvador ESTá erguido um dos melhores empreendimentos da cidade por mell araujo e patrícia magalhães fotos bruno ricci

Horto Florestal é talvez um dos bairros mais sofisticados e cobiça-

mas, ao mesmo tempo, é um bairro reservado”, explica.

dos da capital baiana. São inúmeros os atributos para tal status.

O suprassumo do Horto combina dois ingredientes extraordiná-

Localização privilegiadíssima vem no início da lista: no alto do

rios: um dos melhores pontos do bairro - num dos melhores ter-

morro, cercado de natureza por todos os lados e com algumas

renos da Av. Waldermar Falcão - mais um projeto arquitetônico

facilidades de acesso - o bairro é circundado por diversas vias,

contemporâneo. O Top Hill, projeto da incorporadora e constru-

que formam excelentes caminhos alternativos para os mais dife-

tora André Guimarães, destaca-se no bairro, principalmente, pela

rentes destinos. Outro ponto que confere glamour à localidade é

sofisticação de suas linhas e também pelo aconchego proporcio-

a vizinhança, caracterizada por habitações suntuosas, casarões e

nado por detalhes exclusivos. O projeto arquitetônico criado pelo

prédios de alto luxo. Esses motivos levaram Júlia Chagas a eleger

arquiteto Cássio Santana determinou unidades com tipologia de

o bairro como o novo lar para sua família. “Optei pelo Horto por

208 m², 210 m² e 240 m² e cobertura com mais de 300m². Todas

ser um bairro privilegiado. É um bairro central, margeado pelas

com quatro suítes. Uma das unidades pertence à Júlia. “Escolhe-

principais avenidas da cidade, o que facilita a movimentação,

mos o Top Hill por toda a infraestrutura do condomínio

Ronald Sampaio, sua esposa e seu filho

Júlia Chagas, seu marido e suas filhas

Cidadelle 99


// TOP hill

toda a infraestrutura do condomínio vai refletir em melhor qualidade de vida pra minha família”

A estrutura do empreendimento é impe-

O padrão de acabamento é de alto luxo,

cável. Implantado num terreno de 5.700

seja nas áreas comuns, apartamentos

m², o Top Hill conta com duas torres, cada

ou na garagem, que conta com piso de

uma com 46 unidades e duas cobertu-

alta resistência e são quatro vagas para

ras. São apenas dois apartamentos por

a família e doze para visitantes. No que-

andar, tendo plantas diferenciadas com

sito lazer, o empreendimento conta com

possibilidade de um ou dois pavimentos.

a mais completa infraestrutura para to-

Com o objetivo de trazer para dentro dos

das as faixas etárias: SPA, deck molhado,

apartamentos a sensação de liberdade, o

solarium, piscina com raia, quadra de

projeto contempla três varandas, sendo

squash, quadra oficial de tênis, fitness,

uma gourmet e uma vista plena para o

salão de festas, cinema, espaço gourmet,

que vai refletir em melhor qualidade de

mar. “Escolhi o Top Hill por ter aparta-

campo gramado, entre outros. Para Júlia

vida para minha família”, afirma Julia.

mentos diferenciados, com propostas

as opções de lazer dão novas possibilida-

A localização exata também foi um dos

diferenciadas, o que satisfaz as necessi-

des para as famílias. “O empreendimento

fatores preponderantes para a escolha do

dades da minha família como um todo”,

além de ter um projeto moderno, nos dá

médico Ronald Sampaio. “Para a minha

enfatiza Ronald.

opções de lazer, que nos permite curtir a

situação profissional o Horto Florestal é

Não há aquele que não se maravilhe com

família e os amigos, sem precisar sair de

o melhor endereço, já que me permite

o edifício ao passar pelo bairro. A moder-

casa”, conclui. O quesito sustentabilidade

ter acesso às principais vias da cidade”,

na fachada, totalmente pastilhada, com

não ficou de fora, o Top Hill conta com

aponta e completa: “e se essa localização

linhas ousadas chama a atenção de to-

sistema para captação de água da chuva,

é esmerada por um apartamento de al-

dos. Essa mesma sensação é experimen-

coleta seletiva, entre outras iniciativas de

tíssimo padrão, a moradia fica perfeita”.

tada ao adentrar ao empreendimento.

quem é Top.

100 Cidadelle


Cidadelle 101


// perfil

Com dedicação e bom humor, Luana Monalisa consegue se dividir entre suas diversas profissões

102 Cidadelle


miluma em

Apresentadora, cantora, atriz e mãe, Luana Monalisa traz novo projeto para o cenário musical baiano

M

por lara guedes fotos samuel cerqueira

enina baiana de Salvador, Luana Monalisa sempre quis ser artista.

balho são as participações de artistas baianos como Daniel Viei-

Desde pequena mostrou sua forte personalidade, não podia ver

ra, Berguinho do Seu Maxixe, Silvanno Salles e Renato Fechine

uma câmera que rapidamente fazia pose. Sempre bem- humo-

– com o humorista ela fez uma versão cheia de humor da música

rada e esbanjando simpatia, ela começou ainda criança sendo

“Mina” dos Mamonas Assassinas. “Me preocupei com a escolha

estrelinha em programas infantis e já cantava em cima do trio. “A

do repertório e das regravações que fiz. Quero que as pessoas

TV me levou à música. Sempre fui apaixonada pelas duas coisas

se lembrem do prazer que é ouvir um disco”, explica. Uma das

e não consigo escolher apenas uma delas, por isso faço tudo pa-

regravações realizadas foi da música “Meu Mel” de Marquinhos

ralelamente”, conta. Entre os vários trabalhos na TV, ela se destacou como a primeira garota do tempo no Nordeste e também foi apresentadora do Tudo a Ver Bahia e do Boa Tarde Bahia. “Minha espontaneidade é o meu forte. Meu lado de atriz e cantora me ajudam muito como apresentadora de TV”, assume.

Quem cuida dos cabelos e maquiagem da artista é a fashionhair Raquel Alves

Todo esse talento pode ter vindo de uma vontade muito grande de criança, mas se transformou em coisa séria quando adulta. Mesmo estando presente na TV e palcos desde pequena, Luana não perdeu tempo, e foi em busca de tudo que tornava os seus sonhos cada vez mais próximos. Ela cursou teatro na UFBA, formou-se em jornalismo e Rádio e TV, e para se aperfeiçoar fez a oficina de atores de Wolf Maya. “Eu acho que o artista tem que ser completo, por isso sempre busco aprimorar todos os meus lados”, afirma Luana Monalisa.

Projeto musical A Bahia é rica em estilos musicais e Luana Monalisa já é parte dessa história - ela foi cantora revelação no Carnaval de 2009 com a banda Na Pegada. Agora, ela trará para o público o projeto Arrocha Chique, que se trata de um CD com regravações e canções próprias. Além do ritmo diferente, o diferencial do tra-

Cidadelle 103


foto divulgação

// perfil

Moura, onde ela canta junto com Berguinho. Já a música de trabalho foi uma composição feita em parceria com Kardec de Souza, que se chama “Sou Cara”. A canção contará com a gravação de um clipe realizado pela produtora Nove90. “Tudo feito com muito carinho por mim e toda a produção”, afirma.

Luana Monalisa ganhou visbildade como apresentadora no programa Boa Tarde Bahia e realizou um dos seus sonhos cantando em cima do trio no Carnaval de Salvador

Além do seu projeto musical, Luana, atualmente, está no elenco do filme Matinê do diretor Elder Fraga, onde atuará junto com

upgrade. Faço tudo com minha fisioterapeuta Mariana Landinn

Júlio Rocha, ator da Globo. O filme é uma adaptação do HQ dos

que é especialista em rejuvenescimento e emagrecimento. Ela

irmãos Marcelo e Magno Costa (matineofilme.com.br), e Luana

utiliza os melhores aparelhos de estética, além de otimizar os

fará o papel da dama do tráfico que terá cenas de luta. “Já co-

resultados com fórmulas fitoterápicas”, explica. Para Luana, es-

meçamos a ensaiar as coreografias. Como eu sou faixa preta em

tar bem está além da beleza, para se sentir plenamente feliz ela

caratê ajuda bastante”, pontua.

também se preocupa com a mente e o coração. “Estou numa fase de renovação, e preciso estar com o corpo, a mente e o es-

Carnaval 2014

pírito em equilíbrio. Tudo novo pra mim este ano, amor novo e

Em 2013, Luana agitou as ruas de Salvador, e neste ano ela não

projetos novos”, fala Luana entre risos.

ficará de fora do Carnaval. Trará o projeto “A Nave com Luana Monalisa” e sairá na Barra com trio independente, no bloco ecológico e fará shows em camarote. “Em 2013 pude me dedi-

Livro: 50 tons de cinza

car 100% ao Carnaval, espero que ano que vem seja da mesma

Perfume: Chance da Chanel

forma. Adoro subir no trio na minha cidade e ver o público se

Viagem perfeita: Paris

divertindo comigo”, diz.

Lugar em Salvador: Praia do Flamengo Comida: camarão de todas as formas, lagosta

Beleza em dia

e uma bela e boa picanha.

Para se manter em forma e saudável, Luana Monalisa, não dis-

Música: João de Barro – Maria Gadú

pensa nada. “Além de adorar malhar e correr, pratico vôlei e

Realizações: subir no trio do Carnaval de

busco as novidades em tratamentos estéticos para dar aquele

Salvador e ter meu próprio programa de TV.

104 Cidadelle


QUALIDADE , BELEZA E CONFIANÇA EM M Á RM O R E E G R A N I TO Avenida Princesa Isabel, 2122 Cidadelle 105 São Caetano | Itabuna-Bahia CEP: 45607-000 (73) 3617-8976 / 3612-1602 / 3617-2581


106 Cidadelle


Beleza sem cortes Tire suas dúvidas sobre depilação definitiva e lifting facial

R

por mell araújo

evolucionários ou não, a infinidade de tratamentos de beleza são procurados por homens e mulheres que querem se manter jovens e atraentes. O que se espera é que as técnicas oferecidas cumpram com o prometido. Para tirar as suas dúvidas, abordaremos dois tratamentos que estão no topo dos mais procurados. Um para rejuvenescimento e outro para eliminar os pelos indesejados, apontando os benefícios e indicações para cada caso.

Fotodepilação x Laser Ambas prometem combater ou diminuir a velocidade do crescimento e quantidade dos pelos. A diferença está, justamente, na intensidade ou comprimento de onda da luz de cada método. Enquanto a fotodepilação trata com luz pulsada – que é menos intensa e enfraquece os pefotos divulgação

los ao longo das sessões e por isso necessita de uma quantidade maior – o laser é mais agressivo. Ele é feito com os pelos curtos para que a luz penetre o mais profundo possível diretamente no folículo, – o que pode gerar incômodo. A fotodepilação pode ser feita em todo o corpo, exceto na região anal e em volta dos olhos, bem como é contraindicado

Cidadelle 107


// beleza para grávidas, lactantes e pessoas que tenham restrições à exposição solar, a exemplo de pessoas com vitiligo e lúpus. E apesar de ser conhecida como depilação definitiva, não é bem assim. De tempos em tempos, dependendo sempre de cada organismo, é preciso refazer as sessões para manter o corpo lisinho. Porém, o volume de pelos que voltam a nascer são bastante reduzidos. É um excelente tratamento para quem tem alergias à lâminas ou ceras e o melhor, não dói. Assim como o laser, a fotodepilação não é indicada para pessoas que tenham a pele muito clara ou muito escura. Por quê? O que acontece é que nas peles muito claras, os pelos também tendem a ser claros. Dessa forma, o tratamento acaba não atingindo todos os pelos – a luz pulsada funciona através do contraste da melanina com os pelos e se não há contraste, pode não funcionar como o esperado. Já na pele escura, a luz pode causar manchas claras. Nesse caso, o laser é o mais indicado, visto que o comprimento da luz atinge as camadas mais internas da pele para destruir os pelos. Pessoas com peles muito claras ou muito escuras devem ter cuidado ao fazer fotodepilação, porque podem ter manchas de queimadura

foto divulgação

Fio Russo O fio russo é uma nova alternativa para o combate ao envelheci-

tível. O procedimento é simples e, logo depois, o paciente pode

mento e das tão odiadas rugas. Após a revolução feita pelo bo-

voltar para casa. Segundo Edvan, o tratamento não pode ser

tox, o fio russo promete tratar da flacidez facial branda, e com

considerado definitivo “visto que o envelhecimento do organis-

isso retardar a cirurgia plástica. O processo é realizado a partir de

mo continua. Contudo, há uma longevidade que varia de acordo

um fio de polipropileno não alergênico, que é resistente a deslo-

com as características biológicas do indivíduo e como ele lida

camentos e não é absorvido pelo organismo. O paciente que se

com fatores de envelhecimento exteriores, como a exposição

submete a esse tratamento, normalmente, não sente dor, por-

solar”, explica.

que é aplicada anestesia no local onde o fio será inserido.

Antes da realização do procedimento, é necessário que sejam

Segundo o cirurgião plástico Edvan Leite, a colocação deve ser

realizados exames clínicos, como hemograma e de coagulação,

realizada apenas em clínicas especializadas, onde o fio é aplica-

além de eventuais exames que o cirurgião ache necessário, caso

do através de microcânulas que o levam até o local desejado,

o paciente tenha algum problema de saúde. O método pode ser

no qual irá ancorar o tecido flácido – geralmente na camada

feito por pessoas a partir dos 30 anos com flacidez facial e do

superficial do tecido adiposo do rosto – o que faz com que não

pescoço, porém não é indicado para pessoas que tenham a face

haja elevações ou depressões da pele, deixando o fio impercep-

muito magra.

108 Cidadelle


Cidadelle 109


// EM FORMA

110 Cidadelle


foto divulgação

MOVIMENTE-SE M Comece a correr e sinta os benefícios que o exercício pode proporcionar ao corpo e à mente por lara guedes

elhorar a disposição física, emagrecer, diminuir o estresse, man-

Cuidados e orientações

ter o coração saudável e conhecer gente nova. Essas são algumas

Para ter melhores resultados físicos, alguns cuidados devem ser

das vantagens para quem pratica a corrida. O Cidadelle possui

tomados, correr não é pegar um tênis e sair por ai. “Antes de

diversas opções para quem quer começar essa atividade. No con-

mais nada, realizar um teste de esforço e se possível uma bateria

domínio horizontal, os moradores terão a sua disposição uma

de exames gerais, como Ecocardiograma e Densitometria Ós-

pista de cooper de 1,5 km integrada à mata nativa. No Clube ha-

sea”, fala Alexandre Huang, preparador físico da Marathon Club,

verá uma pista de 500 m cercada de espécies locais e no condo-

grupo de corrida. Ele conta que todos podem correr, mas as con-

mínio vertical, o longo passeio de 570 m da praça também será

traindicações devem ser levadas em conta caso a caso. “Tem gen-

mais uma opção para caminhada e corrida ao ar livre. A largada

te que corre Maratona e tem duas, três hérnias lombares. Outras

já foi dada, agora é só seguir as dicas de profissionais para man-

pessoas são isentas de qualquer diagnóstico lesivo, no entanto

ter a boa forma e pôr o pé na pista.

sentem dores em virtude do impacto”, completa.

Cidadelle 111


// EM FORMA

foto alexandre huang

o começo Primeiro deixe a preguiça de lado. Começar qualquer exercício

e completa: “de qualquer forma, é importante ter a ajuda de

para quem é sedentário, pode ser um desafio, mas focar nos

um nutricionista para que os resultados sejam mais facilmente

benefícios é um bom caminho para sair da frente da TV e ir cor-

alcançados e a saúde global esteja em ordem”.

rer. “Apesar de ser uma atividade natural, muita gente não tem condicionamento físico para tal, por isso é importante procurar

Confira algumas dicas da nutricionista Lídia Loyola, e não per-

orientação profissional”, diz Alexandre Huang.

ca tempo para alcançar um corpo plenamente saudável.

1. A caminhada é a melhor opção para quem nunca correu.

1. O ideal é usar algum carboidrato completo, como as raízes,

2. Comece andando cerca de 40 minutos, três vezes por semana. 3. Ao poucos, aumente a intensidade da caminhada com maior movimentação de braços e pernas. 4. Quando estiver acostumado com o exercício, adicione pequenos trotes. 5. Quando o organismo oferecer as condições necessárias,

40 minutos antes do treino. 2. Sempre hidratar-se bastante durante o exercício. 3.

É possível usar algum aminoácido de rápida absorção para evitar o catabolismo de massa muscular.

4. Não se deve consumir, de forma nenhuma, alimentos gordurosos e bebidas alcoólicas. Dei-

comece a alternar a caminhada com a corrida. Para os se-

xam o corpo menos disposto, além

dentários, é ideal que essa etapa só comece após quatro ou

de impedirem a deposição do

seis semanas.

glicogênio - estoque de energia no músculo.

Alimentação “Pela minha observação, os corredores que têm hábitos alimentares inadequados, passam a comer melhor após iniciar seus treinos. Parece existir uma vontade maior de alcançar os resultados ou se sentir melhor para os treinos”, afirma Alexandre Huang

112 Cidadelle


5. Para os mais avançados, é possível usar suplementos, prin-

Roupas

cipalmente aminoácidos isolados para preservar a massa

1. Roupas com proteção UV para dias de sol e forte calor.

muscular. Alguns complementos como polivitamínicos, glu-

2. Regata com tecido leve e cores claras.

tamina, glucosamina também são indicados a depender do

3. Shorts curtos são melhores, pois proporcionam melhor mo-

paciente.

bilidade do corpo.

6. Os isotônicos servem para reposição de eletrólitos perdidos

4. Tênis adequado para corrida. Normalmente possuem

no suor, caso eles sejam adicionados a algum carboidrato -

amortecedores, entrada para ventilação e faixa refletiva

nutriente primordial no fornecimento de energia para o cor-

para a noite.

po - adquirem a função de evitar a fadiga precoce e permitir um treino mais longo. 7. As barras de proteínas são uma boa opção de lanches quando adequadas de forma correta ao cardápio do paciente. Já

1

em relação às barras de cereais, deve-se ter cuidado, pois algumas são feitas com gordura vegetal – hidrogenada – que é muito maléfica ao organismo.

2

fotos divulgação

Lembrete O melhor é fazer um cardápio personalizado para atender a toda demanda de cada paciente.

3

A matemática perfeita para ter um corpo lindo e muita saúde: corrida + alimentação balanceada

4 O empreendimento tem opções de pistas de Cooper para os moradores manterem a saúde e qualidade de vida

Cidadelle 113


O ri ceano eo

// reflexão

Diz-se que, mesmo antes de um rio cair

que desaparecer para sempre. Mas não

que apenas então o rio saberá que não

no oceano ele treme de medo. Olha para

há outra maneira. O rio não pode voltar.

se trata de desaparecer no oceano, mas

trás, para toda a jornada, os cumes, as

Ninguém pode voltar. Voltar é impossível

tornar-se oceano. Por um lado é desapa-

montanhas, o longo caminho sinuoso

na existência. Você pode apenas ir em

recimento e por outro lado é renascimen-

através das florestas, através dos povo-

frente. O rio precisa se arriscar e entrar no

to. Assim somos nós. Só podemos ir em

ados, e vê à sua frente um oceano tão

oceano. E somente quando ele entra no

frente e arriscar. Coragem! Avance firme

vasto que entrar nele nada mais é do

oceano é que o medo desaparece. Por-

e torne-se Oceano!

Osho

114 Cidadelle


Cidadelle 115


116 Cidadelle

Revista Cidadelle - Ed.02  

Publicação de luxo voltada para a classe A. 10.000 exemplares auditados são distribuídos em Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Porto Seguro, Salvador...

Advertisement